CAIXAGEST SUPER PREMIUM

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CAIXAGEST SUPER PREMIUM"

Transcrição

1 PROSPETO SIMPLIFICADO CAIXAGEST SUPER PREMIUM Fundo Especial de Investimento Aberto Referência: PTYMEKLE009_ Última atualização: 8 de maio de 202 Constituído em Portugal em 4 de Agosto de 2008 TIPO E DURAÇÃO ENTIDADE GESTORA CONSULTORES DE INVESTIMENTO BANCO DEPOSITÁRIO Fundo Especial de Investimento Aberto, com subscrições e resgates com periodicidade semanal, constituído por um período de 5 anos com data de dissolução e de liquidação no dia 5 de Agosto de 203 e data de pagamento aos participantes no dia 2 de Agosto de 203. Caixagest - Técnicas de Gestão de Fundos, S.A. (integrada no Grupo Caixa Geral Depósitos) O Fundo não recorre a serviços de consultores Caixa Geral de Depósitos S.A. ENTIDADES COMERCIALIZADORAS AUDITOR AUTORIDADE DE SUPERVISÃO POLÍTICA DE INVESTIMENTOS Caixa Geral de Depósitos S.A., através da sua rede de agências Deloitte & Associados, SROC S.A. CMVM Comissão do Mercado de Valores Mobiliários: ; tel: O património inicial do Fundo de investimento é constituído em 00% por obrigações de dívida, emitidas pela CGD ao abrigo do programa European Medium Term Notes (EMTN) com maturidade coincidente com a data de liquidação do Fundo e com rendimentos austados aos obetivos do Fundo. Os referidos empréstimos obrigacionistas destinam-se a assegurar a distribuição dos rendimentos e prémios descritos de seguida e o capital subscrito, correspondente ao valor inicial da unidade de participação para efeitos de constituição do Fundo (5 euros). As obrigações serão obeto de pedido de admissão à negociação na Bolsa de Valores do Luxemburgo. As cinco obrigações têm igual peso no Valor Líquido Global do Fundo inicial. Os rendimentos do Fundo são assegurados pela distribuição por parte das obrigações de cupões variáveis indexados a um cabaz de ações. Será ainda distribuído um cupão fixo que servirá para fazer face às despesas relativas às comissões de gestão e depositário cobradas pelo Fundo. As obrigações acima referidas permitem que o Fundo obtenha um rendimento anual, e a partir do segundo ano um prémio, caso este sea ativado, associados à variação, desde a data de constituição do Fundo, de um cabaz de 25 ações, sendo que cada ação (Sega Sammy Holdings Inc, Mitsubishi Corp, Astellas Pharma Inc, CNOOC Ltd, BOC Hong Kong Holdings Ltd, Honda Motor Co Ltd, UCB SA, Koninkliike DSM NV, Wachovia Corp, Apple Inc, Avon Products Inc, Altria Group Inc, Kirin Holdings CO Ltd, HBOS PLC, Google Inc, Pernod-Ricard SA, Wyeth, Credit Agricole SA, British American Tobacco PLC, Gas Natural SDG SA, Abertis Infraestructuras SA, Stora Enso Oy, Volvo AB, Electrolux AB, AstraZeneca PLC) tem uma ponderação no cabaz de 4%. O mecanismo de cálculo do rendimento anual do fundo caracteriza-se por: Em cada data de apuramento anual será apurada, para cada ação, a variação face ao valor inicial. A fórmula de apuramento da variação de cada ação integrante do cabaz será a seguinte: acçãoi, Variação da acção, i = i {;25}; acçãoi,0 em que: Variação da ação i, = variação da ação i na data de apuramento anual ação i, = Valor da ação i na data de apuramento anual ação i,0 = Valor da ação i na data de lançamento (4 Agosto 2008) Em segundo lugar será determinada a Variação da ação Super Premium que corresponde: - a 5%, se a Variação da Acção for maior que -20% (inclusive) e menor que 5% (inclusive); - ao valor da Variação da Acção, com um máximo de 0%, no caso da Variação da Acção estar acima de 5% (exclusive); - ao valor da Variação da Acção, com um mínimo de -50%, caso a Variação da Acção sea inferior a -20% (exclusive). No passo seguinte, será obtida a Variação Cabaz Super Premium 2 obtida a partir da média aritmética das variações das ações de acordo com o mecanismo atrás referido. [ ;5 ] Datas de apuramento anual: 28 Julho 2009, 28 Julho 200, 28 Julho 20, 30 Julho 202, 29 Julho Variação do Cabaz Super Premium: média aritmética das variações face ao valor inicial das acções de acordo com o mecanismo enunciado. A variação de uma acção corresponde à variação percentual entre a sua cotação na data de observação anual e a sua cotação na data de início do Fundo Caixagest Super Premium. O valor a considerar será o do fecho do dia e expresso na moeda local. Se no dia da valorização a bolsa de referência estiver encerrada, considerar-se-á o valor do dia útil seguinte. / 5

2 RISCO ASSOCIADO AOS INVESTIMENTOS PERFIL DO INVESTIDOR Variação Cabaz Super Premium = i= Variacção da acção Super Premium i Finalmente, será atribuído ao cliente um rendimento anual calculado da seguinte forma, que corresponde à Variação Cabaz Super Premium do respectivo ano. R = N Max Variação Cabaz Super Pr emium ; 0% Este rendimento poderá ser adicionado, a partir do segundo ano, de um prémio correspondente a Euribor 3 ano acrescido de 4% (TANB 4 ), com um mínimo de 8% (TANB 4,a que corresponde uma taxa anual nominal líquida 5 de 6,28%), se a soma dos rendimentos apurados nos anos anteriores for maior ou igual a 8%. Pr émio = Max ano 8% ( 8% ; Euribor + 4% ), se R Na data de liquidação do Fundo, independentemente do momento em que é efetuada a subscrição, o participante obterá o capital pago sobre o valor inicial da unidade de participação para efeitos de constituição do Fundo (5 euros). Após o período inicial e com vista a uma gestão eficiente, o Fundo poderá deter outras obrigações emitidas pela CGD, com rendimento austado aos obetivos descritos anteriormente. O Fundo poderá ainda deter ativos de curto prazo, nomeadamente bilhetes do tesouro, certificados de depósito, depósitos bancários, papel comercial, fundos de investimento de tesouraria e aplicações nos mercados interbancários, na medida adequada para fazer face ao movimento normal de resgate de unidades de participação e a uma gestão eficiente do Fundo. Para uma informação mais completa sobre a política de investimentos, aconselha-se a consulta do ponto do Capítulo II do Prospeto Completo do Fundo. Risco de rendimento: Os rendimentos a receber pelo participante, independentemente do momento em que é efetuada a subscrição, são pagos sobre o valor inicial da unidade participação utilizada para efeitos de constituição do Fundo (5 euros O rendimento anual e os prémios está associado à variação, desde a data de constituição do Fundo Caixagest Super Premium, de um cabaz de 25 ações, pelo que o rendimento do Fundo está indiretamente exposto ao risco de variação da cotação dos ativos que compõem o cabaz. Risco de crédito: Os rendimentos e o capital do Fundo são assegurados por empréstimos obrigacionistas da CGD. O Fundo está, portanto, exposto ao risco de crédito do emitente dessas obrigações, pelo que, o pagamento dos rendimentos e o reembolso de capital na data de liquidação do Fundo dependem do bom cumprimento das responsabilidades por parte da CGD. Risco fiscal: Uma alteração adversa do regime fiscal poderá diminuir os rendimentos pagos. Risco de conflito de interesses: Alerta-se para a possibilidade de existência de eventuais situações de conflitos de interesses, uma vez que o banco emitente das obrigações que irão integrar o património do Fundo, a CGD, e a sociedade gestora do Fundo, a CAIXAGEST - Técnicas de Gestão de Fundos S.A, fazem parte do mesmo grupo económico que tem a CGD por sociedade dominante. Os participantes que subscrevem o Fundo após a data de constituição, além de suportarem uma comissão de 5%, efetuarão a subscrição ao valor da unidade de participação divulgado na data de subscrição efetiva. Os rendimentos previstos pelo Fundo são calculados e pagos sobre o valor inicial da unidade participação utilizada para efeitos de constituição do Fundo (5 euros). O Fundo destina-se a investidores que procuram otimizar a rentabilidade potencial da sua carteira, que procuram minimizar o risco de rendimento e o risco de capital, e que tenham disponibilidade de imobilização do investimento pelo prazo de cinco anos. O Fundo destina-se ao segmento de investidores institucionais e não institucionais., EVOLUÇÃO DO VALOR DA UNIDADE DE PARTICIPAÇÃO 3 Euribor ano corresponde à taxa Euribor ano registada na data de apuramento - às.00 (hora Paris) na página Reuters EURIBOR0. 4 TANB: Taxa Anual Nominal Bruta 5 Rendimento foi sueito à tributação na esfera do Fundo à taxa de IRS em vigor até 30 de Junho de 200 de 20%, sendo que para rendimento auferidos posteriormente a esta data, a taxa aplicável é de 2,5%. 2 / 5

3 Anos Rendibilidade Classe de Risco ,45% 200-2,82% ,90% 3 RENDIBILIDADE E RISCOS HISTÓRICOS As rendibilidades divulgadas representam dados passados, não constituindo garantia de rendibilidade futura, porque o valor das unidades de participação pode aumentar ou diminuir em função do nível de risco que varia entre (risco baixo) e 6 (risco muito alto). TAXA GLOBAL DE CUSTOS (COM REFERÊNCIA A 20) Custos Valor (Euros) %VLGF Comissão de Gestão fixa ,33% Comissão de Depósito ,06% Comissões e Taxas indiretas Taxa de Supervisão Custos de Auditoria Outros Custos TOTAL/TAXA GLOBAL DE CUSTOS ,39% O VLGF corresponde ao património do fundo deduzido de comissões e encargos previstos no prospeto do Fundo ROTAÇÃO MÉDIA DA CARTEIRA EM 20 Valor (Euros) Volume de Transações 0 Valor médio da Carteira ROTAÇÃO MÉDIA DA CARTEIRA 0,00 TABELA DE CUSTOS (TAXA NOMINAL) Custos % da Comissão Imputáveis diretamente ao participante: Comissão de Subscrição Período inicial de subscrição (07/07/2008 a 0/08/2008) 0,00% A partir de 04/08/2008 (inclusive) 5,00% Comissão de Resgate Até 05/08/203,50% No dia 05/08/203 (inclusive) 0,00% Imputáveis diretamente ao Fundo: Comissão de Gestão (a) 0,27% Comissão de Depósito(a) 0,05% (a) Comissão nominal aplicada sobre o valor do património líquido inicial do Fundo. Os custos de auditoria obrigatórios são pagos pela sociedade gestora, que suportará igualmente a taxa de supervisão à CMVM, uma taxa liquidada mensal e postecipadamente, calculada sobre o valor líquido global do Fundo, correspondente ao último dia do mês. SUBSCRIÇÃO Estão definidos os seguintes períodos de subscrição:. Período de pré-subscrição que decorrerá entre as 8h30m (hora de Portugal Continental) do dia 07/07/2008 e as 6h30m (hora de Portugal Continental) do dia 0/08/2008. As subscrições serão efetuadas e liquidadas em 04/08/2008, com o valor inicial de unidade de participação de 5 (cinco euros). O Fundo constitui-se nessa data. 2. Período seguinte de subscrição a partir de 04/08/2008, inclusive: As subscrições têm uma periodicidade semanal, no entanto os pedidos podem ser dirigidos à entidade comercializadora em qualquer dia da semana, processando a liquidação nas condições descritas de seguida. Os pedidos de subscrição efetuados até às 6h30m (hora de Portugal Continental) do dia 7, 4, 2 e 28 (ou no dia útil anterior) 6 de cada mês, são processados, respectivamente, ao valor da unidade de participação conhecido e divulgado no dia 4, 2,28 (ou no dia útil seguinte) 6 do mês ou no dia 7 (ou no dia útil seguinte) 6 do mês subsequente, acrescido da comissão de subscrição. Os pedidos de subscrição efetuados após as 6h30m (hora de Portugal Continental) do dia 7, 4, 6 caso o dia indicado sea um dia não útil. 3 / 5

4 2 e 28 (ou no dia útil anterior) 6 de cada mês, são processados, respectivamente, ao valor da unidade de participação conhecido e divulgado no dia 2,28 (ou no dia útil seguinte) 6 do mês ou no dia 7 e 4 (ou no dia útil seguinte) 6 do mês subsequente, acrescido da comissão de subscrição. O pedido de subscrição é, portanto, efetuado a preço desconhecido podendo o subscritor ter de aguardar uma a duas semanas, consoante os casos, para conhecer o valor da unidade de participação pelo qual foi efetuada a subscrição, e pelo débito da sua conta. O número mínimo de unidades de participação estabelecido para a subscrição é o correspondente ao número inteiro resultante da divisão de.000 Euros pelo preço de subscrição unitário. As subscrições das unidades de participação do Fundo efetuadas e liquidadas em 04/08/2008, relativas aos pedidos de subscrição efetuados durante o período de pré-subscrição, não estão sueitas ao pagamento de comissão de subscrição. A partir do dia 04/08/2008 (inclusive), os pedidos de subscrição estarão sueitos a uma comissão de subscrição 5,00%, sobre o montante subscrito. RESGATE DISTRIBUIÇÃO DE RENDIMENTOS DIVULGAÇÃO DO VALOR DA UNIDADE DE PARTICIPAÇÃO ADMISSÃO À NEGOCIAÇÃO CONSULTA DE OUTRA DOCUMENTAÇÃO REGIME FISCAL Os resgates têm uma periodicidade semanal, no entanto os pedidos podem ser dirigidos à entidade comercializadora em qualquer dia da semana, processando a liquidação nas condições descritas de seguida. Os pedidos de resgate efetuados até às 6h30m (hora de Portugal Continental) do dia 7, 4, 2 e 28 (ou no dia útil anterior) 6 de cada mês, são processados, respectivamente, ao valor da unidade de participação conhecido e divulgado no dia 4, 2,28 (ou no dia útil seguinte) 6 do mês ou no dia 7 (ou no dia útil seguinte) 6 do mês subsequente, deduzido da comissão de resgate. Os pedidos de resgate efetuados após as 6h30m (hora de Portugal Continental) do dia 7, 4, 2 e 28 (ou no dia útil anterior) 6 de cada mês, são processados, respectivamente, ao valor da unidade de participação conhecido e divulgado no dia 2,28 (ou no dia útil seguinte) 7 do mês ou no dia 7 e 4 (ou no dia útil seguinte) 6 do mês subsequente, deduzido da comissão de resgate. O pedido de resgate é, portanto, efetuado a preço desconhecido podendo o participante ter de aguardar uma a duas semanas, consoante os casos, para conhecer o valor da unidade de participação pelo qual foi efetuado o resgate, e pelo crédito correspondente em conta. Nos resgates efetuados até 05/08/203, haverá lugar à dedução ao montante resgatado de uma comissão de resgate de,50%. No dia 05/08/203 não será cobrada comissão de resgate. O Fundo distribuirá rendimentos anuais, sobre o valor inicial da unidade participação utilizada para efeitos de constituição do Fundo (5 euros), independentemente do momento em que é efetuada subscrição. A distribuição do rendimento anual ( e do eventual prémio a partir do 2º ano) será efetuada nos dias 4 de Agosto de 2009, 4 de Agosto de 200, 4 de Agosto de 20, 6 de Agosto de 202 e 5 de Agosto de 203. Os pagamentos aos participantes dos valores referidos, será efetuado no quinto dia útil seguinte à respectiva data de distribuição anual, e no que respeita ao último rendimento e eventual prémio, no quinto dia útil seguinte à data de liquidação do Fundo. O valor diário da Unidade de Participação é divulgado nas agências da Caixa Geral de Depósitos, no sítio e através do sistema de difusão da informação da CMVM ( As unidades de participação não serão obeto de pedido de admissão à negociação no mercado de cotações oficiais ou em qualquer outro mercado regulamentado. O Prospeto Completo e Simplificado encontram-se disponíveis unto da entidade gestora e em todos os locais e meios de comercialização. Os Relatórios e Contas anual e semestral encontram-se disponíveis para consulta em todos os locais e meios de comercialização, e poderão ser enviados sem encargos aos participantes que o requeiram. A composição da carteira do Fundo é publicada mensalmente no sistema de difusão de informação da CMVM. Do Fundo O Fundo é tributado como se de uma pessoa singular se tratasse. Rendimentos obtidos em território português, que não seam mais valias Os uros das obrigações e dos depósitos bancários estão sueitos a retenção na fonte, à taxa de 25%. Nos casos de rendimentos não sueitos a retenção na fonte, a tributação é autónoma, à taxa de 25%, incidente sobre o respectivo valor líquido obtido em cada ano. Os rendimentos respeitantes a unidades de participação em Fundos que se constituam e operem de acordo com a legislação nacional estão isentos de tributação. Rendimentos obtidos fora do território português, que não seam mais valias Tratando-se de rendimentos de títulos de dívida e de rendimentos provenientes de fundos de investimento constituídos no estrangeiro, a tributação é autónoma, à taxa de 20%. Para rendimentos de outra natureza, aplica-se a taxa de 25%. Mais valias obtidas em território português ou fora dele A diferença positiva entre as mais e menos valias obtidas em cada ano é tributada, autonomamente, à taxa de 2,5%, encontrando-se excluídas de tributação as mais valias provenientes da alienação de obrigações e outros títulos de dívida. Do Participante Participantes residentes em território português Sueitos passivos de IRS, fora do âmbito de uma atividade comercial, industrial ou agrícola 4 / 5

5 Os rendimentos respeitantes a unidades de participação estão isentos de tributação, podendo, no entanto ser englobados, caso em que o imposto retido ou devido ao próprio Fundo tem a natureza de pagamento por conta. A transmissão gratuita (heranças e doações) de valores aplicados em Fundos não se encontra sueita a tributação em sede de Imposto do Selo. Sueitos passivos de IRC e sueitos passivos de IRS, no âmbito de uma atividade comercial, industrial ou agrícola Os rendimentos respeitantes a unidades de participação são considerados como proveitos ou ganhos para efeitos do apuramento do lucro tributável e o montante de imposto retido ou devido na esfera do Fundo tem a natureza de pagamento por conta. No caso de sueitos passivos de IRC isentos, o imposto retido ou devido na esfera do Fundo, correspondente aos rendimentos das unidades de participação que aqueles tenham subscrito é restituído pela entidade gestora do Fundo, e pago conuntamente com os rendimentos respeitantes a essas unidades. Participantes não residentes em território português Os rendimentos respeitantes a unidades de participação estão isentos de IRS e de IRC CONTACTOS Caixagest, S.A. - Av. João XXI, 63-2º * Lisboa; Tel: ; Fax: Caixadirecta (24 horas): , , , ; Caixadirecta on-line: 5 / 5

RELATÓRIO & CONTAS Liquidação

RELATÓRIO & CONTAS Liquidação Fundo Especial de Investimento Aberto CAIXA FUNDO RENDIMENTO FIXO IV (em liquidação) RELATÓRIO & CONTAS Liquidação RELATÓRIO DE GESTÃO DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS RELATÓRIO DO AUDITOR EXTERNO CAIXAGEST Técnicas

Leia mais

Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO

Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Um investimento responsável exige que conheça as suas implicações e que esteja disposto a aceitá-las. TODOS OS INVESTIMENTOS TÊM RISCO

Leia mais

Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO

Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO BiG Alocação Fundo Autónomo: BiG Alocação Dinâmica Todos os Investimentos têm risco Entidade gestora: Real Vida Seguros, S.A. Avenida de França, 316 2º, Edifício Capitólio 4050-276 Porto Portugal Advertências

Leia mais

PROSPECTO COMPLETO FUNDO DE INVESTIMENTO MOBILIÁRIO ABERTO CAIXAGEST RENDA MENSAL. 26 de Setembro de 2005

PROSPECTO COMPLETO FUNDO DE INVESTIMENTO MOBILIÁRIO ABERTO CAIXAGEST RENDA MENSAL. 26 de Setembro de 2005 PROSPECTO COMPLETO FUNDO DE INVESTIMENTO MOBILIÁRIO ABERTO CAIXAGEST RENDA MENSAL 26 de Setembro de 2005 A autorização do fundo significa que a CMVM considera a sua constituição conforme com a legislação

Leia mais

Obrigações de Caixa Euro Dólar Premium Instrumento de Captação de Aforro Estruturado

Obrigações de Caixa Euro Dólar Premium Instrumento de Captação de Aforro Estruturado Obrigações de Caixa Euro Dólar Premium Instrumento de Captação de Aforro Estruturado - Prospecto Informativo - I INFORMAÇÃO DE SÍNTESE INSTRUMENTO As Obrigações de Caixa Euro Dólar Premium constituem um

Leia mais

PROSPETO OIC/FUNDO CAIXAGEST CURTO PRAZO. Fundo de Investimento Mobiliário Aberto de Obrigações. 28 de abril de 2015

PROSPETO OIC/FUNDO CAIXAGEST CURTO PRAZO. Fundo de Investimento Mobiliário Aberto de Obrigações. 28 de abril de 2015 PROSPETO OIC/FUNDO CAIXAGEST CURTO PRAZO Fundo de Investimento Mobiliário Aberto de Obrigações 28 de abril de 2015 A autorização do Fundo pela CMVM baseia-se em critérios de legalidade, não envolvendo

Leia mais

SEGURO MILLENNIUM TRIMESTRAL 2013 8 ANOS 2ª SÉRIE (NÃO NORMALIZADO)

SEGURO MILLENNIUM TRIMESTRAL 2013 8 ANOS 2ª SÉRIE (NÃO NORMALIZADO) Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Um investimento responsável exige que conheça as suas implicações e que esteja disposto a aceitá-las. SEGURO MILLENNIUM TRIMESTRAL 2013

Leia mais

Ou seja, na data de maturidade, o valor garantido por unidade de participação será aquele que resulta da aplicação da seguinte fórmula:

Ou seja, na data de maturidade, o valor garantido por unidade de participação será aquele que resulta da aplicação da seguinte fórmula: 1.Tipo e Duração 2.Entidade Gestora 3.Consultores de Fundo de Capital Garantido Aberto, constituído em Portugal. A sua constituição foi autorizada pela Comissão do Mercado de Valores Mobiliários, em 12/

Leia mais

M N F G e s t ã o d e A c t i v o s - S G F I M, S A

M N F G e s t ã o d e A c t i v o s - S G F I M, S A Prospecto Simplificado (Actualizado a 8 de Fevereiro de 2012) Fundo Especial de Aberto Strategic Diversified USD Fundo Especial de Aberto (Fundo autorizado pela CMVM em 8 de Fevereiro de 2011, sob o número

Leia mais

CAIXA SEGURO VALOR CRESCENTE

CAIXA SEGURO VALOR CRESCENTE PROSPETO SIMPLIFICADO (atualizado a 30 abril 2012) CAIXA SEGURO VALOR CRESCENTE SEGURO LIGADO A FUNDOS DE INVESTIMENTO INSTRUMENTO DE CAPTAÇÃO DE AFORRO ESTRUTURADO (ICAE) NÃO NORMALIZADO PRODUTO FINANCEIRO

Leia mais

DOCUMENTO INFORMATIVO (RECTIFICAÇÃO) BES CRESCIMENTO OUTUBRO 2009 PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO

DOCUMENTO INFORMATIVO (RECTIFICAÇÃO) BES CRESCIMENTO OUTUBRO 2009 PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO DOCUMENTO INFORMATIVO (RECTIFICAÇÃO) BES CRESCIMENTO OUTUBRO 2009 PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Advertências ao investidor: 100% do capital investido garantido na maturidade Remuneração não garantida Possibilidade

Leia mais

OBRIGAÇÕES DE CAIXA FNB Remuneração Garantida 2006 Instrumento de Captação de Aforro Estruturado Prospecto Informativo da Emissão

OBRIGAÇÕES DE CAIXA FNB Remuneração Garantida 2006 Instrumento de Captação de Aforro Estruturado Prospecto Informativo da Emissão 1 / 5 OBRIGAÇÕES DE CAIXA FNB Remuneração Garantida 2006 Instrumento de Captação de Aforro Estruturado Prospecto Informativo da Emissão As obrigações de caixa FNB Remuneração Garantida 2006 são um Instrumento

Leia mais

DOCUMENTO INFORMATIVO EUR NOTES BES 3 ANOS TELECOMS PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO

DOCUMENTO INFORMATIVO EUR NOTES BES 3 ANOS TELECOMS PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO DOCUMENTO INFORMATIVO EUR NOTES BES 3 ANOS TELECOMS PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Advertências ao investidor: Remuneração não garantida Impossibilidade de reembolso antecipado por parte do Investidor Informação

Leia mais

Fidelity Poupança FUNDO AUTÓNOMO FIDELITY POUPANÇA TARGET 2040

Fidelity Poupança FUNDO AUTÓNOMO FIDELITY POUPANÇA TARGET 2040 Um investimento responsável exige que conheça as suas implicações e que esteja disposto a aceitá-las FUNDO AUTÓNOMO FIDELITY POUPANÇA TARGET 2040 ALERTA GRÁFICO Entidade Gestora: T-Vida, Companhia de Seguros,

Leia mais

DOCUMENTO INFORMATIVO

DOCUMENTO INFORMATIVO DOCUMENTO INFORMATIVO Soft Commodities Notes a emitir pelo Espirito Santo Investment p.l.c. ao abrigo do seu 2,500,000,000 Euro Medium Term Note Programme ISIN : XS0484968069 PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO

Leia mais

REFORMA ATIVA PPR ESTRATÉGIA TESOURARIA

REFORMA ATIVA PPR ESTRATÉGIA TESOURARIA Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Um investimento responsável exige que conheça as suas implicações e que esteja disposto a aceitá-las. REFORMA ATIVA PPR ESTRATÉGIA TESOURARIA

Leia mais

Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO

Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Um investimento responsável exige que conheça as suas implicações e que esteja disposto a aceitá-las PFC Valorização PSI 20 Entidade Emitente:

Leia mais

PROSPETO OIC/FUNDO FUNDO ABERTO DE POUPANÇA EM AÇÕES CAIXAGEST PPA. 06 de novembro de 2015

PROSPETO OIC/FUNDO FUNDO ABERTO DE POUPANÇA EM AÇÕES CAIXAGEST PPA. 06 de novembro de 2015 PROSPETO OIC/FUNDO FUNDO ABERTO DE POUPANÇA EM AÇÕES CAIXAGEST PPA 06 de novembro de 2015 A autorização do Fundo pela CMVM baseia-se em critérios de legalidade, não envolvendo por parte desta qualquer

Leia mais

Depósito Indexado Retorno Mercado Acionista abril/13 EUR Produto Financeiro Complexo. - Prospeto Informativo -

Depósito Indexado Retorno Mercado Acionista abril/13 EUR Produto Financeiro Complexo. - Prospeto Informativo - Depósito Indexado Retorno Mercado Acionista abril/13 EUR Produto Financeiro Complexo - Prospeto Informativo - Designação Classificação Caraterização do Produto Depósito Indexado Retorno Mercado Acionista

Leia mais

Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO

Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO BBVA Unit-Linked Empresa de Seguros: Zurich -Companhia de Seguros de Vida S.A. Sede: Rua Barata Salgueiro 41, 1269-058 Lisboa TODOS OS INVESTIMENTOS TÊM RISCO! Risco de perder a totalidade do capital investido

Leia mais

PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO

PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO EMPRESA DE SEGUROS Santander Totta Seguros, Companhia de Seguros de Vida S.A., com Sede na Rua da Mesquita, nº 6 - Torre A - 2º - 1070 238 Lisboa, Portugal (pertence ao Grupo Santander). A Santander Totta

Leia mais

BANIF - BANCO DE INVESTIMENTO, S.A. VALORES MOBILIÁRIOS. Entrada em vigor: 29-Jul-2011. Clientes Particulares e Empresas

BANIF - BANCO DE INVESTIMENTO, S.A. VALORES MOBILIÁRIOS. Entrada em vigor: 29-Jul-2011. Clientes Particulares e Empresas BANIF BANCO DE INVESTIMENTO, S.A. Entrada em vigor: 29Jul2011 VALORES MOBILIÁRIOS Clientes Particulares e Empresas 21 FUNDOS DE INVESTIMENTO 21.1. Fundos Banif 21.2. Fundos de Terceiros Internacionais

Leia mais

PROSPECTO INFORMATIVO Depósito Indexado - Produto Financeiro Complexo

PROSPECTO INFORMATIVO Depósito Indexado - Produto Financeiro Complexo Designação Classificação Caracterização do Produto Caixa Triplo Potencial março 2016_PFC Produto Financeiro Complexo Depósito Indexado Depósito indexado não mobilizável antecipadamente, pelo prazo de 2

Leia mais

Prospecto Informativo. CapitAll Allianz Top 20. (Não Normalizado) www.allianz.pt

Prospecto Informativo. CapitAll Allianz Top 20. (Não Normalizado) www.allianz.pt Prospecto Informativo CapitAll Allianz Top 20 (Não Normalizado) www.allianz.pt Companhia de Seguros Allianz Portugal, S.A. R. Andrade Corvo, 32 1069-014 Lisboa Telefone +351 213 165 300 Telefax +351 213

Leia mais

PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO DOCUMENTO INFORMATIVO. BES PORTUGAL DEZEMBRO 2011-2014 NOTES Credit Linked Notes

PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO DOCUMENTO INFORMATIVO. BES PORTUGAL DEZEMBRO 2011-2014 NOTES Credit Linked Notes Advertências ao investidor: PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO DOCUMENTO INFORMATIVO BES PORTUGAL DEZEMBRO 2011-2014 NOTES Credit Linked Notes Risco de perda total ou parcial do capital investido em caso de Evento

Leia mais

PROSPECTO INFORMATIVO Depósito Indexado - Produto Financeiro Complexo

PROSPECTO INFORMATIVO Depósito Indexado - Produto Financeiro Complexo Designação Classificação Caracterização do Produto Caixa Cabaz Renováveis agosto 2018_PFC Produto Financeiro Complexo Depósito Indexado Depósito indexado pelo prazo de 3 anos, não mobilizável antecipadamente,

Leia mais

PROSPETO OIC/FUNDO. Fundo de Investimento Mobiliário Aberto de Ações. 06 de novembro de 2015

PROSPETO OIC/FUNDO. Fundo de Investimento Mobiliário Aberto de Ações. 06 de novembro de 2015 PROSPETO OIC/FUNDO Fundo de Investimento Mobiliário Aberto de Ações CAIXAGEST AÇÕES LÍDERES GLOBAIS 06 de novembro de 2015 A autorização do Fundo pela CMVM baseia-se em critérios de legalidade, não envolvendo

Leia mais

Os riscos do INVESTIMENTO ACTIVO MAIS, produto financeiro complexo, dependem dos riscos individuais associados a cada um dos produtos que o compõem.

Os riscos do INVESTIMENTO ACTIVO MAIS, produto financeiro complexo, dependem dos riscos individuais associados a cada um dos produtos que o compõem. Breve Descrição do produto O é um produto financeiro complexo composto por 50% do investimento num Depósito a Prazo a 180 dias, não renovável, com uma taxa de juro de 4% (TANB Taxa Anual Nominal Bruta),

Leia mais

Fidelity Poupança FUNDO AUTÓNOMO FIDELITY POUPANÇA AÇÕES TARGET 2045

Fidelity Poupança FUNDO AUTÓNOMO FIDELITY POUPANÇA AÇÕES TARGET 2045 Um investimento responsável exige que conheça as suas implicações e que esteja disposto a aceitá-las FUNDO AUTÓNOMO FIDELITY POUPANÇA AÇÕES TARGET 2045 ALERTA GRÁFICO Entidade Gestora: T-Vida, Companhia

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÃO NORMALIZADA

FICHA DE INFORMAÇÃO NORMALIZADA Referência: 400001_EUR_20160701_001 CONTA EXTRACTO Designação Condições de acesso Modalidade Meios de movimentação Moeda Montante Taxa de remuneração Conta Extracto Clientes pessoas singulares, pessoas

Leia mais

CAIXAGEST SELECÇÃO ESPECIAL

CAIXAGEST SELECÇÃO ESPECIAL PROSPECTO SIMPLIFICADO CAIXAGEST SELECÇÃO ESPECIAL Fundo Especial de Investimento Aberto Referência: PTYMEGLE005_2000505 Última actualização: 7 de Maio de 200 Constituído em Portugal em 9 de Junho de 2008

Leia mais

PROSPECTO INFORMATIVO Depósito Indexado - Produto Financeiro Complexo Referência: 403xxx_20140203

PROSPECTO INFORMATIVO Depósito Indexado - Produto Financeiro Complexo Referência: 403xxx_20140203 Designação Classificação Caixa Ourinvest Down fevereiro 2015_PFC Produto Financeiro Complexo Depósito Indexado O Caixa Ourinvest Down fevereiro 2015 é um depósito indexado não mobilizável antecipadamente,

Leia mais

PROSPETO OIC/FUNDO FUNDO DE INVESTIMENTO MOBILIÁRIO ABERTO DE AÇÕES POSTAL ACÇÕES. 06 de novembro de 2015

PROSPETO OIC/FUNDO FUNDO DE INVESTIMENTO MOBILIÁRIO ABERTO DE AÇÕES POSTAL ACÇÕES. 06 de novembro de 2015 PROSPETO OIC/FUNDO FUNDO DE INVESTIMENTO MOBILIÁRIO ABERTO DE AÇÕES POSTAL ACÇÕES 06 de novembro de 2015 A autorização do Fundo pela CMVM baseia-se em critérios de legalidade, não envolvendo por parte

Leia mais

PROSPECTO INFORMATIVO Depósito Indexado - Produto Financeiro Complexo

PROSPECTO INFORMATIVO Depósito Indexado - Produto Financeiro Complexo Designação Classificação Caracterização do Produto Garantia de Capital Garantia de Remuneração Caixa TOP Europa junho 2015_PFC Produto Financeiro Complexo Depósito indexado não mobilizável antecipadamente,

Leia mais

Depósito Indexado Cabaz Empresas Zona Euro fevereiro/15 EUR Produto Financeiro Complexo. - Prospeto Informativo -

Depósito Indexado Cabaz Empresas Zona Euro fevereiro/15 EUR Produto Financeiro Complexo. - Prospeto Informativo - Depósito Indexado Cabaz Empresas Zona Euro fevereiro/15 EUR Produto Financeiro Complexo - Prospeto Informativo - Designação Classificação Caraterização do Produto Cabaz Empresas Zona Euro fevereiro/15

Leia mais

BPI MONETÁRIO CURTO PRAZO FUNDO ESPECIAL DE INVESTIMENTO ABERTO

BPI MONETÁRIO CURTO PRAZO FUNDO ESPECIAL DE INVESTIMENTO ABERTO BPI MONETÁRIO CURTO PRAZO FUNDO ESPECIAL DE INVESTIMENTO ABERTO Demonstrações Financeiras em 31 de Dezembro de 2010 acompanhadas do Relatório de Auditoria BALANÇO EM 31 DE DEZEMBRO DE 2010 Activo Mais-

Leia mais

PROSPETO OIC/FUNDO FUNDO DE INVESTIMENTO MOBILIÁRIO ABERTO CAIXAGEST SELEÇÃO GLOBAL MODERADO. 10 de dezembro de 2015

PROSPETO OIC/FUNDO FUNDO DE INVESTIMENTO MOBILIÁRIO ABERTO CAIXAGEST SELEÇÃO GLOBAL MODERADO. 10 de dezembro de 2015 PROSPETO OIC/FUNDO FUNDO DE INVESTIMENTO MOBILIÁRIO ABERTO CAIXAGEST SELEÇÃO GLOBAL MODERADO 10 de dezembro de 2015 A autorização do Fundo pela CMVM baseia-se em critérios de legalidade, não envolvendo

Leia mais

Fundo de Investimento Imobiliário Aberto. ES LOGISTICA (CMVM nº 1024)

Fundo de Investimento Imobiliário Aberto. ES LOGISTICA (CMVM nº 1024) Relatório de Gestão ES LOGISTICA Fundo de Investimento Imobiliário Aberto Fundo de Investimento Imobiliário Aberto ES LOGISTICA (CMVM nº 1024) Relatório de Gestão Dezembro de 2008 ESAF Fundos de Investimento

Leia mais

Fundo de Investimento Imobiliário Fechado Beirafundo

Fundo de Investimento Imobiliário Fechado Beirafundo Fundo de Investimento Imobiliário Fechado Beirafundo RELATÓRIO & CONTAS 2007 ÍNDICE ACTIVIDADE DO FUNDO 2 BALANÇO 4 DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS 5 DEMONSTRAÇÃO DOS FLUXOS MONETÁRIOS 6 ANEXO ÀS DEMONSTRAÇÕES

Leia mais

Prospecto Informativo - ATLANTICO Oil Basket Série I

Prospecto Informativo - ATLANTICO Oil Basket Série I Designação Classificação Caracterização do Produto Garantia de Capital Garantia de Remuneração Factores de Risco Instrumentos ou Variáveis Subjacentes ou Associados ATLANTICO Oil Basket Série I Produto

Leia mais

Obrigações CMVM Comissão do Mercado de Valores Mobiliários OUTUBRO 2012 1

Obrigações CMVM Comissão do Mercado de Valores Mobiliários OUTUBRO 2012 1 CMVM Comissão do Mercado de Valores Mobiliários OUTUBRO 2012 1 O que são obrigações As obrigações são instrumentos financeiros que representam um empréstimo contraído junto dos investidores pela entidade

Leia mais

(a) Data de autorização do Organismo de Investimento Colectivo no Estado-Membro de Origem e data de início da comercialização em Portugal:

(a) Data de autorização do Organismo de Investimento Colectivo no Estado-Membro de Origem e data de início da comercialização em Portugal: CONDIÇÕES PARTICULARES DO DISTRIBUIDOR referente à comercialização em Portugal, pelo Deutsche Bank AG - Sucursal em Portugal de acções da PIONEER FUNDS (a) Data de autorização do Organismo de Investimento

Leia mais

Texto a manuscrever pelo cliente: Tomei conhecimento das advertências

Texto a manuscrever pelo cliente: Tomei conhecimento das advertências Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Um investimento responsável exige que conheça as suas implicações e que esteja disposto a aceitá-las. FA FR0000290728 Groupama Seguros

Leia mais

Preçário BANCO INVEST, SA BANCOS. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS FOLHETO DE TAXAS DE JURO. Data de Entrada em vigor: 01-Jun-16

Preçário BANCO INVEST, SA BANCOS. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS FOLHETO DE TAXAS DE JURO. Data de Entrada em vigor: 01-Jun-16 Preçário BANCO INVEST, SA BANCOS Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS FOLHETO DE TAXAS DE JURO Data de Entrada em vigor: 01Jun16 O Preçário completo do Banco Invest, contém o Folheto de Comissões

Leia mais

PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO DOCUMENTO INFORMATIVO

PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO DOCUMENTO INFORMATIVO PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO DOCUMENTO INFORMATIVO Capital Garantido Brasil 2015 Notes ( Brasil 2015 Notes ) a emitir pelo Espirito Santo Investment p.l.c. ao abrigo do seu 2,500,000,000 Euro Medium Term

Leia mais

Fundo Especial de Investimento Fechado CA Rendimento Mais

Fundo Especial de Investimento Fechado CA Rendimento Mais FUNDO ESPECIAL DE INVESTIMENTO FECHADO CA Rendimento Mais Prospecto de Oferta Pública de distribuição de 1.500.000 (um milhão e quinhentas mil) Unidades de Participação escriturais, nominativas e inteiras

Leia mais

- Prospecto Informativo -

- Prospecto Informativo - - Prospecto Informativo - Designação Classificação Depósito Valor Crescimento Global USD (doravante referido por o Depósito ). Depósito Indexado Caracterização do Produto Garantia de Capital Garantia de

Leia mais

EUROVIDA PPR (Proposta de Seguro)

EUROVIDA PPR (Proposta de Seguro) Eurovida Companhia de Seguros de Vida, S.A. Sede Social: 1099-090 Lisboa Portugal CRCL / Pes. Col. 504 917 692 Capital Social 7.500.000 Euro 02.01.2013 (Proposta de Seguro) Proposta: Apólice: Cliente:

Leia mais

- Prospecto Informativo -

- Prospecto Informativo - - Prospecto Informativo - Designação Classificação Depósito Indexado Depósito Valor Energia USD (doravante referido por o Depósito ).. Caracterização do Produto Garantia de Capital Garantia de Factores

Leia mais

Os riscos do DUETO, produto financeiro complexo, dependem dos riscos individuais associados a cada um dos produtos que o compõem.

Os riscos do DUETO, produto financeiro complexo, dependem dos riscos individuais associados a cada um dos produtos que o compõem. Advertências ao Investidor Os riscos do, produto financeiro complexo, dependem dos riscos individuais associados a cada um dos produtos que o compõem. Risco de perda total ou parcial do capital investido

Leia mais

PROSPECTO INFORMATIVO Depósito Indexado - Produto Financeiro Complexo

PROSPECTO INFORMATIVO Depósito Indexado - Produto Financeiro Complexo Designação Classificação Caixa TOP Mundial Fevereiro 2018_PFC Produto Financeiro Complexo Depósito Indexado Caracterização do Produto Garantia de Capital Depósito indexado pelo prazo de 3 anos, não mobilizável

Leia mais

Depósito Indexado Depósito Valor Energia Produto Financeiro Complexo

Depósito Indexado Depósito Valor Energia Produto Financeiro Complexo - Prospecto Informativo - Designação Classificação Depósito Valor Energia (doravante referido por o Depósito ). Depósito Indexado Caracterização do Produto Garantia de Capital Garantia de Remuneração Factores

Leia mais

POSTAL CAPITALIZAÇÃO

POSTAL CAPITALIZAÇÃO PROSPETO OIC/FUNDO FUNDO DE INVESTIMENTO MOBILIÁRIO ABERTO DE OBRIGAÇÕES POSTAL CAPITALIZAÇÃO 06 DE NOVEMBRO DE 2015 A autorização do Fundo pela CMVM baseia-se em critérios de legalidade, não envolvendo

Leia mais

Informações Fundamentais ao Investidor

Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Um investimento responsável exige que conheça as suas implicações e que esteja disposto a aceitá-las Notes db Recovery Axa, Facebook & Royal Dutch Shell ISIN: XS0475189113 Emitente:

Leia mais

Prospeto Informativo Montepio TOP Brands - Dezembro 2014/2015 Produto Financeiro Complexo

Prospeto Informativo Montepio TOP Brands - Dezembro 2014/2015 Produto Financeiro Complexo Prospeto Informativo Montepio TOP Brands - Dezembro 2014/2015 Produto Financeiro Complexo Designação Montepio TOP Brands - Dezembro 2014/2015 Classificação Produto Financeiro Complexo Depósito Indexado

Leia mais

Prospecto Informativo Depósito Dual Energia Europa BBVA

Prospecto Informativo Depósito Dual Energia Europa BBVA Prospecto Informativo Designação Classificação Caracterização do Produto Garantia de Capital Garantia de Remuneração Factores de risco Produto financeiro complexo Depósito Dual O é um depósito dual a 3

Leia mais

Fundo de Investimento Imobiliário Fechado Imomar

Fundo de Investimento Imobiliário Fechado Imomar Fundo de Investimento Imobiliário Fechado Imomar RELATÓRIO & CONTAS 2007 ÍNDICE ACTIVIDADE DO FUNDO 2 BALANÇO 4 DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS 5 DEMONSTRAÇÃO DOS FLUXOS MONETÁRIOS 6 ANEXO ÀS DEMONSTRAÇÕES

Leia mais

PROSPECTO INFORMATIVO Depósito Indexado - Produto Financeiro Complexo Referência: 403862_EUR_20140804_001

PROSPECTO INFORMATIVO Depósito Indexado - Produto Financeiro Complexo Referência: 403862_EUR_20140804_001 Designação Classificação Caracterização do Produto Garantia de Capital Caixa Euro FX Up agosto 2015_PFC Produto Financeiro Complexo Depósito Indexado O Caixa Euro FX Up agosto 2015 é um depósito indexado

Leia mais

Depósito Indexado Millennium 5 Ações Mundiais abril 2017. - Prospeto Informativo -

Depósito Indexado Millennium 5 Ações Mundiais abril 2017. - Prospeto Informativo - Depósito Indexado Millennium 5 Ações Mundiais abril 2017 Produto Financeiro Complexo - Prospeto Informativo - Designação Millennium 5 Ações Mundiais abril 2017 Classificação Caraterização do Produto Produto

Leia mais

Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO

Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Um investimento responsável exige que conheça as suas implicações e que esteja disposto a aceitá-las. Designação: VICTORIA PPR Acções

Leia mais

DOCUMENTO INFORMATIVO EUR BES DUAL 5%+ÁFRICA FEVEREIRO 2011 NOTES PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO

DOCUMENTO INFORMATIVO EUR BES DUAL 5%+ÁFRICA FEVEREIRO 2011 NOTES PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Advertências ao investidor: Remuneração não garantida DOCUMENTO INFORMATIVO EUR BES DUAL 5%+ÁFRICA FEVEREIRO 2011 NOTES PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Impossibilidade de solicitação de reembolso antecipado

Leia mais

PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO

PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Prospeto Simplificado (Atualizado em 4 de maio de 2012) Seguro Millennium Trimestral 2011 8 Anos 3.ª Série (Não normalizado) Datas de comercialização: Início em 17 de outubro

Leia mais

Prospeto Informativo Depósito Montepio Cabaz US Large Cap - Julho 2014/2015 Produto Financeiro Complexo

Prospeto Informativo Depósito Montepio Cabaz US Large Cap - Julho 2014/2015 Produto Financeiro Complexo Prospeto Informativo Depósito Montepio Cabaz US Large Cap - Julho 2014/2015 Produto Financeiro Complexo Designação Depósito Montepio Cabaz US Large Cap - Julho 2014/2015 Classificação Produto Financeiro

Leia mais

Fundo de Investimento Imobiliário Fechado Fundolis

Fundo de Investimento Imobiliário Fechado Fundolis Fundo de Investimento Imobiliário Fechado Fundolis RELATÓRIO & CONTAS 2007 ÍNDICE ACTIVIDADE DO FUNDO 2 BALANÇO 4 DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS 5 DEMONSTRAÇÃO DOS FLUXOS MONETÁRIOS 6 ANEXO ÀS DEMONSTRAÇÕES

Leia mais

PPR EMPRESAS Informações Pré-Contratuais

PPR EMPRESAS Informações Pré-Contratuais TIPO DE CLIENTE Empresas SEGMENTO-ALVO Este produto destina-se a empresas que pretendam oferecer aos seus colaboradores uma remuneração anual extra, com vantagens fiscais, reflectido num complemento de

Leia mais

Condições Particulares de Distribuição Atrium Investimentos Sociedade Financeira de Corretagem, S.A.

Condições Particulares de Distribuição Atrium Investimentos Sociedade Financeira de Corretagem, S.A. Condições Particulares de Distribuição Atrium Investimentos Sociedade Financeira de Corretagem, S.A. I. Identificação do Distribuidor A Atrium Investimentos Sociedade Financeira de Corretagem, S.A. (doravante,

Leia mais

JPMorgan Investment Funds Global Healthtech Fund (o Sub-Fundo )

JPMorgan Investment Funds Global Healthtech Fund (o Sub-Fundo ) JPMorgan Investment Funds Global Healthtech Fund (o Sub-Fundo ) prospecto simplificado agosto de 2006 Sub-Fundo do JPMorgan Investment Funds (o Fundo ), SICAV constituída nos termos da lei do Grão-Ducado

Leia mais

Documento Informativo. Obrigações db Double Chance Europe. - Obrigações relativas ao Índice DJ Euro Stoxx 50 - Produto Financeiro Complexo

Documento Informativo. Obrigações db Double Chance Europe. - Obrigações relativas ao Índice DJ Euro Stoxx 50 - Produto Financeiro Complexo Documento Informativo Obrigações db Double Chance Europe - Obrigações relativas ao Índice DJ Euro Stoxx 50 - ISIN: XS0464427177 Produto Financeiro Complexo 1. Produto As Obrigações relativas ao Índice

Leia mais

Documento Informativo MTN Investimento Mercado Mundial Setembro 2009/2012 Produto Financeiro Complexo

Documento Informativo MTN Investimento Mercado Mundial Setembro 2009/2012 Produto Financeiro Complexo Documento Informativo MTN Investimento Mercado Mundial Setembro 2009/2012 Produto Financeiro Complexo 1. Identificação do Produto O MTN Investimento Mercado Mundial Setembro 2009/2012 é um Produto Financeiro

Leia mais

Legislação. Publicação: Diário da República n.º 8/2015, Série I, de 13/01, Páginas 380-386.

Legislação. Publicação: Diário da República n.º 8/2015, Série I, de 13/01, Páginas 380-386. Classificação: 060.01.01 Segurança: P ú b l i c a Processo: Direção de Serviços de Comunicação e Apoio ao Contribuinte Legislação Diploma Decreto-Lei n.º 7/2015, de 13 de janeiro Estado: vigente. Resumo:

Leia mais

DEPÓSITO INDEXADO CARREGOSA CABAZ AÇÕES ENERGIA PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO PROSPETO INFORMATIVO

DEPÓSITO INDEXADO CARREGOSA CABAZ AÇÕES ENERGIA PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO PROSPETO INFORMATIVO DEPÓSITO INDEXADO CARREGOSA CABAZ AÇÕES ENERGIA PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO PROSPETO INFORMATIVO Designação Classificação Caracterização do Produto Depósito Indexado Carregosa Cabaz Ações Energia Produto

Leia mais

Produto Financeiro Complexo Documento Informativo BPI CHINA 2012-2015 ISIN: PTBBUFOM0021

Produto Financeiro Complexo Documento Informativo BPI CHINA 2012-2015 ISIN: PTBBUFOM0021 Produto Financeiro Complexo Documento Informativo BPI CHINA 2012-2015 ISIN: PTBBUFOM0021 Emissão de Obrigações ao abrigo do Euro Medium Term Note Programme de 10,000,000,000 do Banco BPI para a emissão

Leia mais

PROSPETO INFORMATIVO Depósito Indexado - Produto Financeiro Complexo

PROSPETO INFORMATIVO Depósito Indexado - Produto Financeiro Complexo Designação Classificação Caracterização do Produto Garantia de Capital Caixa JPY Up setembro 2016_PFC Produto Financeiro Complexo Depósito Indexado O Caixa JPY Up setembro 2016 é um depósito indexado não

Leia mais

Preçário DEUTSCHE BANK AG, SUCURSAL EM PORTUGAL BANCOS. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO

Preçário DEUTSCHE BANK AG, SUCURSAL EM PORTUGAL BANCOS. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Preçário DEUTSCHE BANK AG, SUCURSAL EM PORTUGAL BANCOS Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Data de O Preçário completo do Deutsche Bank AG, Sucursal em Portugal,

Leia mais

INFORMAÇÕES FUNDAMENTAIS AO INVESTIDOR PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO

INFORMAÇÕES FUNDAMENTAIS AO INVESTIDOR PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO EMPRESA DE SEGUROS Barclays Investimento Fundo Autónomo: Rendimento Nome: CNP Barclays Vida y Pensiones, Compañia de Seguros, S.A. - Agência Geral em Portugal; Endereço da Sede Social: Plaza de Cólon,

Leia mais

Prospeto Informativo Depósito Indexado Diversificação Europa BBVA

Prospeto Informativo Depósito Indexado Diversificação Europa BBVA Prospeto Informativo Depósito Indexado Diversificação Europa BBVA Designação Classificação Caracterização do Produto Garantia de Capital Garantia de Remuneração Factores de risco Depósito Indexado Diversificação

Leia mais

CAIXA SEGURO 2014 6M - ICAE NÃO NORMALIZADO / / (PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO)

CAIXA SEGURO 2014 6M - ICAE NÃO NORMALIZADO / / (PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO) Empresa de Seguros PROSPECTO SIMPLIFICADO (Dezembro de 2009) CAIXA SEGURO 2014 6M - ICAE NÃO NORMALIZADO / / (PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO) Data de início de comercialização a 2 de Dezembro de 2009 Nome

Leia mais

PREÇÁRIO DE CLIENTES. 4. Títulos. Aviso ao Investidor:

PREÇÁRIO DE CLIENTES. 4. Títulos. Aviso ao Investidor: 4. Títulos Aviso ao Investidor: Na contratação de serviços de investimento em valores mobiliários, os investidores não qualificados devem analisar atentamente o preçário para calcular os encargos totais

Leia mais

Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO

Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Solução Multifundos Zurich Fundo Autónomo: MF Zurich Vida Agressivo Empresa de Seguros: Zurich -Companhia de Seguros de Vida S.A. Sede: Rua Barata Salgueiro 41, 1269-058 Lisboa TODOS OS INVESTIMENTOS TÊM

Leia mais

. VALORES MOBILIÁRIOS

. VALORES MOBILIÁRIOS . VALORES 2.. V MOBILIÁRIOS 2. Valores Mobiliários O QUE SÃO VALORES MOBILIÁRIOS? Valores mobiliários são documentos emitidos por empresas ou outras entidades, em grande quantidade, que representam direitos

Leia mais

Eurovida Companhia de Seguros de Vida, S.A., sociedade anónima pertencente ao Grupo Banco Seguros

Eurovida Companhia de Seguros de Vida, S.A., sociedade anónima pertencente ao Grupo Banco Seguros Data início de comercialização: 2007/05 por tempo indeterminado Empresa de Companhia de Seguros de Vida, S.A., sociedade anónima pertencente ao Grupo Banco Seguros Popular, com sede social na - 1099-090

Leia mais

Caixagest Sprinter II

Caixagest Sprinter II PROSPECTO COMPLETO FUNDO ESPECIAL DE INVESTIMENTO ABERTO Caixagest Sprinter II 6 de Dezembro de 2007 A autorização do Fundo significa que a CMVM considera a sua constituição conforme com a legislação aplicável,

Leia mais

Prospeto Informativo Depósito Indexado Empresas Inovadoras BBVA

Prospeto Informativo Depósito Indexado Empresas Inovadoras BBVA Prospeto Informativo Depósito Indexado Empresas Inovadoras BBVA Designação Classificação Caracterização do Produto Garantia de Capital Garantia de Remuneração Factores de risco Depósito Indexado Empresas

Leia mais

Crédito Habitação BPI - Ficha de Informação Geral

Crédito Habitação BPI - Ficha de Informação Geral Crédito Habitação BPI - Ficha de Informação Geral Mutuante Banco BPI, S.A. Sede: Rua Tenente Valadim, 284 4100-476 PORTO Sociedade Aberta, Capital Social 1.293.063.324,98, matriculada na CRCP sob o número

Leia mais

PARVEST China Subfundo da PARVEST, sociedade luxemburguesa de investimento de capital variável (a seguir, a SICAV ) Estabelecida a 27 de Março de 1990

PARVEST China Subfundo da PARVEST, sociedade luxemburguesa de investimento de capital variável (a seguir, a SICAV ) Estabelecida a 27 de Março de 1990 PARVEST China Subfundo da PARVEST, sociedade luxemburguesa de investimento de capital variável (a seguir, a SICAV ) Estabelecida a 27 de Março de 1990 PROSPECTO SIMPLIFICADO FEVEREIRO DE 2006 Este prospecto

Leia mais

Preçário BANCOS. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO. Entrada em vigor: 01-fevereiro-2016

Preçário BANCOS. Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO. Entrada em vigor: 01-fevereiro-2016 Preçário BANCOS Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO DE TAXAS DE JURO Entrada em vigor: 01-fevereiro-2016 O Preçário completo do NOVO BANCO DOS AÇORES, contém o Folheto de Comissões

Leia mais

Demonstrações financeiras em 31 de março de 2012 e 2011

Demonstrações financeiras em 31 de março de 2012 e 2011 CNPJ nᵒ 00.832.453/0001-84 (Nova denominação social do Credit Suisse DI Fundo de Investimento de Curto Prazo) (Administrado pela Credit Suisse Hedging-Griffo Corretora de Valores S.A.) (CNPJ nᵒ 61.809.182/0001-30)

Leia mais

AVISO PARA EXERCÍCIO DE DIREITOS DE SUBSCRIÇÃO

AVISO PARA EXERCÍCIO DE DIREITOS DE SUBSCRIÇÃO Sonae Indústria, SGPS, S.A. Sociedade Aberta Sede Social: Lugar do Espido, Via Norte, na Maia Capital Social integralmente subscrito e realizado: 700.000.000 Matriculada na Conservatória do Registo Comercial

Leia mais

PROSPECTO INFORMATIVO Depósito Indexado - Produto Financeiro Complexo

PROSPECTO INFORMATIVO Depósito Indexado - Produto Financeiro Complexo Designação Caixa Eurostoxx Down maio 2015_PFC Classificação Produto Financeiro Complexo Depósito Indexado Caracterização do Produto Garantia de Capital O Caixa Eurostoxx Down maio 2015 é um depósito indexado

Leia mais

CAIXAGEST RENDIMENTO ORIENTE

CAIXAGEST RENDIMENTO ORIENTE PROSPECTO SIMPLIFICADO CAIXAGEST RENDIMENTO ORIENTE Fundo Especial de Investimento Aberto Referência: PTYMEDLE0018_20110107 Última actualização: 7 de Janeiro de 2011 Constituído em Portugal em 3 de Dezembro

Leia mais

Depósito Indexado, denominado em Euros, pelo prazo de 6 meses (184 dias), não mobilizável antecipadamente.

Depósito Indexado, denominado em Euros, pelo prazo de 6 meses (184 dias), não mobilizável antecipadamente. Designação Classificação Depósito Indexado EUR/USD No Touch II Produto Financeiro Complexo Depósito Indexado Depósito Indexado, denominado em Euros, pelo prazo de 6 meses (184 dias), não mobilizável antecipadamente.

Leia mais

ITAÚ MAXI RENDA FIXA FUNDO DE INVESTIMENTO EM COTAS DE FUNDOS DE INVESTIMENTO CNPJ 04.222.433/0001-42

ITAÚ MAXI RENDA FIXA FUNDO DE INVESTIMENTO EM COTAS DE FUNDOS DE INVESTIMENTO CNPJ 04.222.433/0001-42 ITAÚ MAXI RENDA FIXA FUNDO DE INVESTIMENTO EM COTAS DE FUNDOS DE INVESTIMENTO CNPJ 04.222.433/0001-42 MENSAGEM DO ADMINISTRADOR Prezado Cotista, Este FUNDO, constituído sob a forma de condomínio aberto,

Leia mais

Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO

Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Eurovida Companhia de Seguros de Vida, S.A. - Sede Social: 1099-090 Lisboa - Portugal - CRCL / Pes. Col. 504 917 692 Capital Social 7.500.000 Euro Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO

Leia mais

CAIXA SEGURO 2014 PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO

CAIXA SEGURO 2014 PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO PROSPETO SIMPLIFICADO (atualizado a 30 de abril de 2012) CAIXA SEGURO 2014 SEGURO LIGADO A FUNDOS DE INVESTIMENTO INSTRUMENTO DE CAPTAÇÃO DE AFORRO ESTRUTURADO (ICAE) NÃO NORMALIZADO PRODUTO FINANCEIRO

Leia mais

Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO

Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Um investimento responsável exige que conheça as suas implicações e que esteja disposto a aceitá-las. Notes: SG Dual World Indices ISIN:

Leia mais

PROSPECTO INFORMATIVO Depósito Indexado - Produto Financeiro Complexo

PROSPECTO INFORMATIVO Depósito Indexado - Produto Financeiro Complexo Designação Classificação Caixa China Invest 2015_PFC Produto Financeiro Complexo O Caixa China Invest 2015 é um depósito indexado não mobilizável antecipadamente, pelo prazo de 2 anos, denominado em Euros,

Leia mais

Fundo de Investimento Imobiliário Hospital da Criança (Administrado pelo Banco Ourinvest S.A.)

Fundo de Investimento Imobiliário Hospital da Criança (Administrado pelo Banco Ourinvest S.A.) Balanço patrimonial em 31 de dezembro Ativo 2008 2007 Passivo e patrimônio líquido 2008 2007 Circulante Circulante Bancos 3 15 Rendimentos a distribuir 412 366 Aplicações financeiras de renda fixa 28 8

Leia mais

VALORES MOBILIÁRIOS. Data de Entrada em vigor: 09-Mar-2015. Clientes Particulares e Empresas

VALORES MOBILIÁRIOS. Data de Entrada em vigor: 09-Mar-2015. Clientes Particulares e Empresas Data de Entrada em vigor: 09-Mar-2015 VALORES MOBILIÁRIOS Clientes Particulares e Empresas 21 FUNDOS DE INVESTIMENTO 21.1. Fundos Banif 21.2. Fundos de Terceiros Internacionais 22 TÍTULOS 22.1. Transacção

Leia mais

Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO

Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Um investimento responsável exige que conheça as suas implicações e que esteja disposto a aceitá-las. TODOS OS INVESTIMENTOS TÊM RISCO

Leia mais

Dirigimo-nos a V. Exa. na qualidade de acionista do BBVA Multi-Asset Moderate EUR Fund, um sub-fundo da BBVA Durbana International Fund ( SICAV ).

Dirigimo-nos a V. Exa. na qualidade de acionista do BBVA Multi-Asset Moderate EUR Fund, um sub-fundo da BBVA Durbana International Fund ( SICAV ). BBVA Durbana International Fund Société d investissement à capital variable 20, boulevard Emmanuel Servais, L-2535 Luxembourg, Grand Duchy of Luxembourg R.C.S. Luxembourg B 27 711 Esta carta ( Carta ),

Leia mais