O jornal das Comunidades lusófonas de França, editado por CCIFP Editions, da Câmara de Comércio e Indústria Franco Portuguesa 12 & 13.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "O jornal das Comunidades lusófonas de França, editado por CCIFP Editions, da Câmara de Comércio e Indústria Franco Portuguesa 12 & 13."

Transcrição

1 dition nº 64 érie, du 11 janvier 2012 Hebdomadaire Franco-Portugais jornal das Comunidades lusófonas de França, editado por CCFP ditions, da Câmara de Comércio e ndústria Franco Portuguesa G U 12 & 13 ntrevista com a lusodescendente ude de morim, Cônsul Geral de França no Porto. dition F N C Fr D 03 Bonne nnée 05 molumentos. Governo publicou uma nova tabela de olumentos consulares, contestada pelo P e pelo PCP. 06 anifestação. Coletivo para a Defesa do nsino do Português no strangeiro, convocou uma manifestação para sábado Canção. cantor de operetas ony Gama acaba de lançar um novo álbum com canções populares portuguesas. Futsal. Depois de ter passado um ano inteiro s perder, o porting Club de Paris foi patar no fim de sana passado a Colmar. Cônsul luís Frrz Fstdo d Pris Paulo Portas vai trocar de cônsul de Portugal Paris usojornal / Carlos Pereira

2 02 opinião le 11 janvier 2012 Chronique d opinion Pergunta do leitor Portugaiche ntónio de sousa Écrivain, informaticien Pergunta: enhor Diretor, Fiquei a saber através do usojornal que houve uma manifestação contra o encerramento do Consulado de Portugal ille, mas já foi muito tarde para eu poder participar. Na próxima vez vocês têm de dar estas informações mais cedo porque se vocês não der a informação nós não ficamos a saber. Desta vez tenho pena, mas gostei da entrevista que fizeram ao senhor Barbosa. [...] Parabéns pelo vosso/nosso jornal. ntónio maral (por ) resposta: Caro leitor, ntes de mais, deixe-me desejarlhe um Próspero no Novo e agradecer-lhe por ler o usojornal. Não nos diz onde mora, mas deve residir na área consular de ille. s palavras que diz a nosso respeito são amabilidades suas. Gostava apenas de lhe dizer que o usojornal não apela ninguém para manifestar. N ille, n Nantes, n Clermont-Ferrand. ssa não é a nossa função. Queros continuar a ser um jornal isento e politicamente neutro. Pelo menos o mais possível. usojornal apenas informa e cada um dos seus leitores decidirá depois se deve ou não deve manifestar. Dar a informação já é um primeiro passo para termos uma Comunidade cada vez mais implicada nas questões que lhe diz respeito. Queria pois salientar este detalhe importante. ais uma vez obrigado por ler este seu jornal. Carlos Pereira, Diretor do usojornal nvie a sua pergunta para: odas as sanas, estamos ao seu lado Crónica de opinião Quolibet, bien sûr, de Portugais, Portugaiche est né de l écoute scientifique des chercheurs amateurs en acoustique français. Ceuxci ont, après de longues années d observation, utilisant des oreilles transformées en sondes, rarqué qu une grande majorité des individus originaires du Portugal communiquaient avec une multitude de sons en «che». Ces chercheurs en herbe ont alors publié le résultat de l étude, un volume de 351 pages, chiffre qui est l indicatif téléphonique du Portugal. ce jour cette coïncidence reste toujours inexpliquée et est considérée comme un mystère plus compliqué que le chiffre P. algré tous les efforts des chercheurs (auto édition de l étude, extraits diffusés dans les plus grandes revues de quartier, pancartes dans les manifestations de rentrée scolaire, tee-shirt Portugaiche porté derrière les présentateurs du 20 heures en direct), le terme Portugaiche n est toujours pas officiellent reconnu. bsent du dictionnaire, le terme a cependant été progressivent intégré dans le langage des nostalgiques d une certaine llagne, puis de celui des poètes de bar amateurs de petits canons, des beaufs en marcel, passant par les ironiques au sarcasme de Q sur 2 chiffres pour finir par les individus originaires du Portugal qui l utilisent en auto dérision. es chercheurs en acoustique n en crurent pas leurs oreilles lorsque ceux qu ils voulaient officialiser Portugaiches se décrivirent euxmêmes comme étant Portugaiches. Cela fut ressenti comme un tsunami acoustique par les chercheurs. Parmi les chercheurs qui survécurent en tant que chercheurs, la majorité plongea dans une profonde maladie d hypersensibilité à la sonorité «che»: «a maladie du Che» qui est parfois confondue avec l adulation pour un révolutionnaire Cubain, et que la sécurité sociale refuse de reconnaître comme maladie professionnelle. José le Portugaiche Je m appelle José dos antos. Je suis de très grande taille, 1m70, certes, il n y a pas de quoi faire de moi un mannequin pour les couturiers parisiens. Je suis en fait 2012 é um ano de enorme importância política França pois vão ter lugar as eleições legislativas e presidenciais que irão definir o nosso futuro nos próximos cinco anos. É por isso importante que a nossa Comunidade esteja mobilizada neste momento propício ao debate de ideias e projetos e que os diferentes candidatos vão ter que se pronunciar sobre os problas ao quotidiano das populações. e no caso das Presidenciais os tas discussão têm um âmbito mais largo e o debate é nacional, já no caso das legislativas, num país que os Deputados são eleitos círculos uninominais, há um espaço considerável para o debate sobre outro tipo de questões sejam elas de âmbito local ou setorial stão pois reunidas todas as condições para que os próximos meses vejam ser discutidos muitas questões que tocam a Comunidade de orig portuguesa sendo um imperativo a sua participação nos diferentes níveis de discussão. É verdade que não tos tido capacidade para transmitir a imag de uma Comunidade unida torno de valores ou de táticas que lhe diga respeito tendo mesmo, infelizmente, feito precisamente o contrário ao ser incentivada a divisão apenas por questões ideológicas ou pessoais o que t tido custos irreparáveis. odavia, parece-me que este pode ser o momento chave para ultrapassar isso e é nosso dever como atores da vida política França intervir favor desta Comunidade superior a um milhão de pessoas. uitas vezes fico surpreendido de ver autarcas e outros mbros da classe política de orig portuguesa mais atentos e preocupados com o que se passa Portugal do que propriamente leições Francesas de 2012: uma oportunidade para a Comunidade portuguesa grand, par rapport aux Portugaiches de ma génération. J aurais du commencer par là. n effet, mon nom n est pas typé, mon origine n est donc pas facile à deviner. C est vrai, Dos antos n est pas un nom typé. C est ce que m a toujours dit ma mère, face aux dires de beaucoup d incultes qui disaient l inverse. Comme ma mère était très pieuse et ne mentait jamais, cela ne peut donc qu être une vérité vraie sortie d une vraie pratiquante de la vraie religion catholique. J ai beaucoup de passions, je m entends, beaucoup de passions pour le foot. e foot! le foot c est ma vie. e prier cadeau qu on m ait offert, à ma naissance, a été un ballon. Certes, ce n était pas très pratique sur le moment, mais c est ainsi que j ai marqué ma différence comme homme dès ma prière saine dans ce monde. Pendant que les autres bambins étaient entourés de peluches de bébés, moi j avais un ballon aux couleurs du Benfica, un truc d homme, quoi! ttention, je ne plaisante pas. J aborde un sujet très sérieux. l faut des valeurs, quand même! Chez moi, de nos jours, je n accepte de recevoir que des personnes qui respectent le Benfica. Je suis cependant très tolérant. Je ne maudis pas les supporters du porting Portugal qui viennent chez moi, et cela n a rien à voir avec le fait que mon parrain soit du porting. Un supporter du Barça m a un jour traité d intolérant, lorsque je l ai insulté de tous les noms et lui ai dit de ne jamais s approcher de chez moi, «Petit merdeux de livreur! h toi supporter du Barça, si tu ne retournes pas sur tes pas, je t enterre vivant dans mon jardin!». Cela l a stoppé net et il est aussitôt reparti, à toute vitesse, dans sa camionnette de livreur du Barça. Non, mais, franchent, le type était blond aux yeux bleus et était de cette fichue équipe du pays voisin espagnol, d une ville qui ne veut même pas être espagnole! n plus il m a porté malheur, ce fichu supporter. J attendais ces jours là une livraison d un drapeau Portugaiche que j avais commandé sur internet, qui ne m a jamais été livré. Je veux bien être tolérant, mais il y a quand même des limites à ne pas dépasser! pluche... Paulo arques Presidente da associação Cívica, Conselheiro das Comunidades com os problas do país que foram eleitos e para o qual têm direitos e deveres previstos pela Constituição francesa. mporta hoje intervir França como políticos franceses. Felizmente, tos uma sensibilidade muito grande para as relações bilaterais com Portugal e devos no exercício das nossas funções intervir favor do incrento dessas relações e da imag da nossa Comunidade neste país que há décadas acolheu muitos de nós. Penso que há matérias estruturantes que vez de nos dividir nos un como a cultura e a língua portuguesa e que nos dev a todos mobilizar, dado que a oferta do português França é confrangedora face ao peso da nossa Comunidade. inda há dias vi autarcas de orig portuguesa a questionar o Governo português sobre esta matéria quando eles próprios deveriam estar preocupados com aquilo que acontece nas áreas que foram eleitos, pois são muitos os cursos de português que têm vindo a encerrar a nível do ensino oficial local e nós não aparecos a tomar posição. Por tudo isto apelo à mobilização da nossa Comunidade no grande momento de docracia que a França vive que é o período pré eleitoral que a nossa voz e as nossas preocupações, como Comunidade que partilha preocupações comuns, deve ter a visibilidade necessária. Convoco assim os Portugueses residentes França para participar ao nível do seu bairro, da sua cidade, do seu Departamento, da sua egião, ou a nível nacional, neste grande momento de discussão política na defesa de uma Comunidade que tanto deu a este país e que me parece ser merecedora da atenção dos seus decisores políticos. usojornal. e seul hebdomadaire franco-portugais d information Édité par: CCFP ditions, une société d édition de la Chambre de commerce et d industrie franco-portugaise. N siret: epreséntée par: Carlos Vinhas Pereira Directeur: Carlos Pereira Collaboration: lfredo Cadete (desporto), ntónio arrucho, urélio Pinto, Carlos dos eis, Clara eixeira, Cristina Branco, Dominique toenesco, Duarte Pereira (ciclismo), lodie de Barros, Fátima ampaio (eims), Flávia ocha, Henri de Carvalho, nês Vaz (Nantes), Joana Valente (lpes), Joaquim Pereira, Jorge Campos (yon), José Paiva (rléans), Julien ilhavet, iliana raújo, uis Horta, anuel artins, élanie Pereira, Natércia Gonçalves (Clermont- Ferrand), Nathalie de liveira, anuel do Nascimento, aria Fernanda Pinto, aria João Gonçalves Pozzetti, Norberto Guerreiro, Padre Carlos Caetano, heila Ferreira (Clermont-Ferrand), Valérie Jan Chroniqueurs: urélio Pinto, Carlos dos eis, Carlos Gonçalves, Carlos Vinhas Pereira, Daniel ibeiro, Henri de Carvalho, José Paiva, anuel de ousa Fonseca, Nathalie liveira, Padre Nuno urélio, Paulo Dentinho, Paulo Pisco es auteurs d articles d opinion prennent la responsabilité de leurs écrits gence de presse: usa Photos: lfredo ima, ntónio Borga, ário Cantarinha Design graphique: Jorge Vilela Design mpression: Corelio Printing (Belgique) usojornal. 63 rue de Boulainvilliers Paris. el.: Fax: Distribution gratuite explaires Dépôt légal: janvier 2012 N www.

3 le 11 janvier 2012 Política 03 Vigança de João eotónio Pereira? Paulo Portas afasta o Cônsul Geral luís Ferraz de Paris Por Carlos Pereira notícia caiu como uma autêntica bomba. inistro dos Negócios strangeiros vai proceder à mais ampla renovação de mbaixadores dos últimos anos e da lista que já foi aprovada pelo Presidente da epública consta a substituição do Cônsul Geral de Portugal Paris, uís Ferraz, por Pedro ourtie. uís Ferraz veio para Paris há pouco mais de dois anos e as missões costumam durar quatro anos. Na altura substituiu João eotónio Pereira que esteve quase 5 anos Paris, mas queria prolongar excecionalmente a sua missão por mais dois anos. Hoje João eotónio Pereira é Chefe de Gabinete de Paulo Portas e muitos ve aqui uma vingança pessoal do antigo Cônsul. uís Ferraz é considerado um dos melhores Cônsules que já passaram por Paris, diz por explo o dirigente associativo Pontault-Combault e também Conselheiro das Comunidades, ário Castilho. sta situação é muito preocupante e injusta para um hom que spre passou o seu tpo representação perto das Comunidades e das associações, todos os fins de sana passou nas associações. Por isso, como cidadãos, devos saber a verdade, o porquê do seu afastamento inesperado. ambém Batista de atos, dirigente associativo considera indecente o afastamento de uís Ferraz. É um bom Cônsul diz ao usojornal. Cônsul como uís Ferraz, spre presente no terreno, representando e dignificando o seu país, passaram por cá muito poucos. amento profundamente o seu afastamento diz por seu lado aria Fernanda Pinto, ativista cultural e dirigente da Galeria Virtual Crónica de opinião área das Comunidades portuguesas independentente de ser composta por cerca de cinco milhões de pessoas é, para alguns, apenas uma preocupação sazonal. Com efeito, só somos ta de televisão quando ocorre uma catástrofe ou acidente, de preferência altura de férias para não se sobrepor a qualquer assunto de âmbito nacional, local ou internacional, ou quando politicamente é interessante opinar sobre um conjunto de Portugueses que nunca são motivo de debate, discussão e, sobretudo, de atenção. azonal também porque muitos dos recém-ressuscitados defensores das Comunidades portuguesas mov-se por ciclos políticos apesar de reconhecer que, talvez pelo triste legado de silêncio de seis anos que nos deixaram, aparec agora transvertidos na figura associativa tentando arregimentar opiniões e não dando espaço de uís Ferraz foi afastado do Consulado de Paris Patrice Hérubel Portugal Presente. ambém no Consulado os funcionários ficaram admirados e surpreendidos com a notícia. N queria acreditar. sta política é mesmo suja diz uma funcionária ao usojornal. liás nenhum funcionário quis ser identificado. João eotónio Pereira já nós sabos que traste é, tivos de o aturar aqui durante 5 anos diz uma funcionária do Consulado que não se mostrou admirada que fosse confirmada a vingança. Cônsul uís Ferraz não é vaidoso, é dialogante, gosta da Comunidade e é uma pena tirar-no daqui s que a sua missão chegue a termo. ambém houve qu evocasse os custos da mudança. ntão se o país está mal financeiramente, dá-se ao luxo de trocar um Cônsul antes do termo da sua missão, com todos os custos que isso acarreta? pergunta um funcionário do Consulado Geral de Portugal Paris. novo Cônsul novo Cônsul Geral de Portugal Paris, Pedro ourtie, deve assumir a opinião à sociedade civil. confirmação da sazonalidade da área das Comunidades portugueses foi também dada pelos episódios que surgiram no seguimento de uma entrevista do Primeiro inistro, protagonizados grande parte por aqueles que nunca têm uma palavra para os igrantes e que entend que esta é uma área menor e à qual n sequer se dev atribuir os mesmos direitos políticos. cresce, que nas intervenções que fizeram passaram a imag de um país que de repente se esvazia e que o fluxo migratório daí decorrente é composto por quadros altamente qualificados. uito gostaríamos nós que este quadro fosse a realidade mas, infelizmente o atual movimento migratório t vários anos e mereceu mesmo da minha parte a apresentação de projetos de resolução na ssbleia da missão março, altura que uís Ferraz regressará a Portugal. Pedro anuel Carqueijeiro ourtie nasceu a 15 de janeiro de 1971, isboa. Faz dentro de dias 42 anos. uma licenciatura conomia pelo nstituto uperior de conomia e Gestão (G) da Universidade écnica de isboa e um estrado studos uropeus (conomia) pelo Colégio da uropa, Bruges (Bélgica). Pedro ourtie entrou na Carreira Diplomática no dia 1 de fevereiro de 1995 e é Conselheiro de mbaixada desde Passou pela Direção de erviços das rganizações Políticas ultilaterais do inistério dos Negócios strangeiros, 1995, foi ssessor do ecretário de stado dos ssuntos uropeus, de 1995 a 1999, precisamente Francisco eixas da Costa, que agora v encontrar na mbaixada de Paris. ambém esteve na epresentação Permanente de Portugal junto da União uropeia, Bruxelas, de 1999 a 2004, foi Conselheiro Político na Delegação da Comissão uropeia ashington DC, de migração: uma preocupação sazonal! epública que não mereceram o apoio da maioria socialista de então. argumentação teve como melhor explo as palavras do então inistro dos Negócios strangeiros que, Comissão da ssbleia da epública, defendeu que não havia igração mas sim apenas livre circulação de trabalhadores dentro do espaço europeu, não havendo assim razão para atender a esta questão tentando escamotear uma realidade por dais evidente. as aquilo que mais me incomodou nas declarações que compuseram os diferentes episódios a que assistimos foi a ideia que se tentou passar de que a nossa igração é uma igração apenas de quadros quando, na verdade, ela é composta, larga maioria, por indivíduos pouco qualificados e muitas vezes com enormes dificuldades de competir nos mercados de trabalho dos países de acolhimento 2004 a 2005, foi djunto diplomático do Primeiro inistro e depois Chefe de Gabinete de José ócrates, de 15 de maio de 2006 a 26 de outubro de De novbro de 2009 a junho de 2011 foi ecretário de stado dos ssuntos uropeus do XV Governo Constitucional. Curiosamente vão encontrar-se Paris dois antigos ecretários de stado dos ssuntos uropeus: Francisco eixas da Costa e Pedro ourtie. novo Cônsul também encontrará Paris o seu Primeiro inistro, José ócrates. utros movimentos lista do movimento de mbaixadores confirma que Francisco eixas da Costa passa a acumular os cargos de mbaixador de isboa Paris e representante de Portugal junto da UNC, lugar que era ocupado por uís Filipe Castro endes, agora novo mbaixador de Portugal no Conselho da uropa, trasbourg. Por enquanto, o Governo ainda não nomeou o mbaixador de Portugal junto da CD, que também t posto Paris. movimento de mbaixadores proposto pelo inistro dos Negócios strangeiros, Paulo Portas, foi aprovado pelo Presidente da epública e já foram enviados para os postos diplomáticos os pedidos de agrément para os Governos dos respetivos países com a informação sobre a mudança de mbaixadores e Cônsules. De acordo com fonte governamental, pretendeu-se dar espaço a uma nova geração de diplomatas já que a média de idade baixa dos 62 para os 52 anos e duplica o número de mulheres à frente das missões diplomáticas, passando de cinco para dez. Carlos Gonçalves Deputado do PD pelo círculo da uropa sendo na uropa o caso mais evidente o do eino Unido. qui, para além da sazonalidade política há uma falta de conhecimento que justifica essa mesma sazonalidade mas que me incomoda e preocupa pois ela transmite a perceção errada que muitos Portugal têm das nossas Comunidades. Uma perceção ideológica, preconceituosa e que revela um desconhecimento inquietante que alguns têm da realidade atual das nossas Comunidades. s Comunidades portuguesas merec ser um ta permanente nas preocupações de um país cujo povo está repartido pelo mundo o que não se compadece com a intermitência a que está retida nas preocupações nacionais. omos um país grande mas muitos Portugal quer que ele continue assim pequeno! sinário diplomático inistério dos Negócios strangeiros organizou na sana passada, o inário Diplomático, onde, perante os mbaixadores portugueses, o inistro Paulo Portas reiterou a importância da diplomacia económica, que o cenário de incerteza económica europeia v dificultar. mbaixador de Portugal França (e agora também na Unesco), Francisco eixas da Costa não participou neste inário, por razões de saúde. eixas da Costa foi operado antes do Natal e ainda não pode viajar. Creio que não estive presente no sinário por duas vezes: 2003, porque alguém cuidou não me convidar, e 2007, por compromissos oficiais no estrangeiro diz o mbaixador no seu blogue Duas ou rês Coisas. este era, precisamente, um ano que haveria mais razões para eu por lá estar: o convidado de honra é o inistro francês dos Negócios strangeiros, lain Juppé. melhoria da perceção externa de Portugal e um penhamento total na diplomacia económica são as grandes prioridades da Política xterna portuguesa 2012, afirmou Paulo Portas, na abertura do inário Diplomático. Devos reagir a esta crise não só com espírito de fação mas como uma só nação (...) as medidas que são tomadas, por não constituír uma opção mas uma obrigação, compromet a palavra do stado português, acrescentou. m matéria de diplomacia económica, Paulo Portas enumerou uma lista de dezena e meia de medidas que pretende implentar, entre as quais completar a essencial integração da rede da CP nas mbaixadas, a articulação das viagens de mbros do Governo com missões presariais spre que se justificar, e a elaboração pelas mbaixadas de planos de negócios detalhados. inistro apontou igualmente como decisiva a boa articulação entre os diferentes inistérios, sublinhando que a articulação existente entre os Negócios strangeiros e as Finanças t permitido políticas e um ritmo extramente intensos de conclusão e ratificação de mais de 40 convenções para evitar a dupla tributação.

4 04 Política le 11 janvier 2012 lain Juppé au Portugal usa / ntónio Cotrim e inistre d tat et des ffaires trangères et uropéennes, lain Juppé, s est rendu au Portugal le mercredi 4 janvier, à l invitation de son homologue Paulo Portas. lain Juppé a été reçu par le Président de la épublique portugaise, Cavaco ilva, et par le Prier inistre Pedro Passos Coelho. Dans le cadre da la Conférence des mbassadeurs Portugais, lain Juppé a fait une intervention où il a dit «je sais la qualité des relations qu entretiennent les diplomates français et portugais dans tous les pays où nous avons les uns et les autres des ambassades. Je connais et j apprécie la tradition francophone de la diplomatie portugaise. t je tiens à vous dire combien le dialogue avec mon homologue,. Paulo Portas, est pour moi une source d enrichissent et pour nos diplomaties l occasion de construire ensble des positions utiles à nos intérêts, à ceux de l urope, et pourquoi pas au monde». Pendant plus d une heure, lain Juppé a parlé de l amitié franco-portugaise, qui «s appuie sur le partage d une latinité qui nous rapproche, mais aussi sur la vision du monde souvent similaire de deux pays habitués à entretenir des liens sur tous les continents». «Nous avons confiance dans la capacité du Portugal à tenir sa trajectoire de réduction des déficits, qui accompagne l effort de solidarité de 78 milliards d euros accordé par l Union européenne et le Fonds monétaire international en Ce message de confiance a été confirmé par la troïka Fonds monétaire international / Banque centrale européenne / Commission. C est ce message qui compte, bien plus que celui des agences de notation». Hermano anches uivo, Presidente do Grupo de mizade França-Portugal Portugal deve olhar para igrantes e lusodescendentes como parceiros Presidente da associação de autarcas ctiva, criada para desenvolver uma rede de cooperação social, cultural e económica entre Portugal e França, considera que isboa deve ver os igrantes e os lusodescendentes como parceiros. m declarações à agência usa, Hermano anches uivo, que também é Conselheiro de Paris, explicou que a ctiva - Grupo de mizade França Portugal das Cidades e Coletividades erritoriais, criada dezbro de 2011, é exclusiva para eleitos mas não é exclusiva para portugueses ou lusodescendentes. nosso objeto de trabalho é a relação entre os dois países, mas pod integrar a associação todos os eleitos que tenham interesse nesse ta, até porque não olhamos só para Portugal, olhamos para a lusofonia, afirmou. utarcas de 23 cidades francesas - entre as quais Paris, Bordeaux e Nîmes - onde, ao todo, viv quase 4 milhões de pessoas, quer desenvolver a nível local ações de promoção da língua portuguesa França e criar, através de uma Crónica de opinião no Novo chegou. Depois do tradicional brinde de votos de saúde e de prosperidade, já recém-lbrança, chegam apressadas, perguntas, inquietações, restos de indignação de 2011 e um futuro comum digno ainda por fazer. penas se entoam as Janeiras que somos invadidos pelos argumentos de campanha eleitoral. Nós, cidadãos portugueses, luso-eleitos de França, nunca devos perder a menor oportunidade de desmentir algumas verdades mentirosas que pairam há decénios no céu francês, ditando que os Portugueses não participam, não votam, ou não tencionam votar. Pior, afirma-se que os filhos segu cabisbaixos o caminho de silêncio dos pais: uma vida de exilados, s voz no seio da própria docracia da qual são porém parte inteira. s próximas eleições de abril dev dizer outra verdade: a nossa capacidade de reflexão e de ação, onde quer que estejamos. Uma epública nova s desafios para os progressistas, nesta primeira década do século XX são extramente difíceis, mais particularmente, quando se é eleito. Que causa maior do que fabricar mais liberdade, igualdade e fraternidade, num momento que as docracias nunca estiveram tão ameaçadas por um establishment financeiro s consideração alguma para o ser humano? os um combate árduo para vencer Hermano anches uivo, Presidente da ctiva ligação privilegiada com o espaço lusófono, uma rede de eleitos para refletir e agir sobre tas concretos: economia, participação cívica, educação, ação social, etc. É importante que Portugal deixe de olhar para os igrantes letra para cantar as Janeiras D contra as forças histéricas que contornam habilmente as leis da epública, que deixam de rastos a dívida soberana dos stados tanto como os erviços públicos. nosso sista nacional de aúde é apontado, faz pouco do sista de ducação: as suas escolas, os seus liceus, as suas universidades. Justiça está enfraquecida, o Hospital sofre de uma crise financeira séria. financiamento das eformas está ameaçado, o dos erviços públicos de proximidade assumido dignamente pelo poder local, interroga cada vez mais: até quando? lguns dos países da uropa começaram a enfrentar estes desafios de maior importância, com um critério prévio: um sobressalto docrático. crise ambiente ataca a credibilidade do nosso pensamento e da nossa ação política. sta docracia, revigorada, é condição sine qua non de um novo sopro para a França, as suas instituições, a sua epública: nós! Uma docracia europeia verdadeira uropa não será uropa s os povos. Portanto, como assumir plenamente a nossa identidade europeia e como afirmá-la? Pela escolha das palavras. m tomar altura face aos reflexos egocêntricos, face às inevitáveis dificuldades inerentes a cada passo deste projeto gigantesco. o relbrar algumas evidências esquecidas, ao precisar o sentido da presa, a que fez da paz uma realidade de todos os França e para os seus descendentes como aquelas pessoas que faz tudo sozinhas, que trabalham por amor à camisola para promover o país, para ter Portugal perto e que são baixadores. sso acabou. Queros cooperar, fazer dias, mas que não t vocação à perpetuidade se não estivermos determinados lutar contra todas as patologias do laço social. o imaginar, s descanso, o futuro. Um futuro onde tivermos feito a sociedade do conhecimento. s partidos políticos têm uma responsabilidade maior a despenhar, os Parlamentos nacionais, os Deputados, representantes do povo, as escolas, os professores, as associações inclusive as nossas, junto dos cidadãos. s que se exprim de forma espontânea e correntente duas ou três línguas europeias, desde a infância, os que estagiam, que trabalham fora das muralhas das suas cidades ou das suas aldeias, os que se compromet proteger tanto o osteiro dos Jerónimos como o Palácio do ouvre, os que viv tanto com Fernando Pessoa como com rthur imbaud, os que oferec um lugar à bandeira europeia junto do frontão da Câmara das suas cidades. Porquê? Porque os seus responsáveis políticos locais, regionais, nacionais ou seja, vós, nós injetamos uropa no quotidiano mais elentar. lobbying e dar visibilidade a Portugal, afirmou. as isto, acrescentou Hermano anches uivo, também no sentido contrário, no sentido França- Portugal, porque, bora a presença da cultura francesa Portugal não seja hoje tão visível como já foi, o número de Franceses no país é crescente, quer devido aos lusodescendentes, quer devido ao turismo., claro, porque os mbros da associação são eleitos França. Nesse sentido, a tiva desenhou para 2012 um plano de atividades assente seis eixos essenciais: eixo da cidadania, para promover a participação eleitoral; o do ensino, para promover aulas de língua portuguesa a nível local e também o ensino do francês Portugal; o da cultura e desportos; o das ginações; o eixo socioeconómico, para melhorar o acesso à informação sobre os habitantes e reforçar o acompanhamento das diferentes faixas etárias; e o eixo das bolsas de intercâmbios, de comunicação e de contactos entre cidades, enumerou o Presidente. nathalie de oliveira utarca (P) etz irar a espada de Dâmocles de cima da nossa docracia social situação económica e financeira de uma maioria de stados na uropa é grave. s palavras ressoam cada cidadão: crise, desprego, precarização das situações profissionais, desclassificação social, queda do poder de compra, dívidas soberanas exponenciais, finanças desenfreadas, desigualdades gritadoras como injustiças sociais averiguadas. Poder público, de joelhos e s respostas face à violência dos traders. nossa docracia social está perigo e, não deve, de forma alguma, ficar a ser a boa consciência dos mercados. Por conseguinte, como colocar mais justiça nas nossas vidas? Uma docracia mais moderna deve opor-se ao neoliberalismo e donstrar a sua capacidade repor no seu sítio os pseudo-feiticeiros das finanças. Desenvolver uma fiscalidade europeia baseada nos benefícios das presas para alimentar um orçamento estável europeu para favorecer uma convergência das economias sob critérios concretos como a taxa de prego, o crescimento, a produtividade ou o nível dos salários. instalação de um Governo económico europeu é uma prioridade para melhor coordenar uma política macro-económica, gerir melhor o risco e orientar as economias para financiar as despesas públicas, estorvar os movimentos especulativos, para mais solidariedade. Para isso, a França precisa de todos nós. es Pública, a coisa pública é vossa. É de todos. Não pertence a uma minoria de eleitos ou de peritos. Não há futuro para cada um de nós s futuro comum. is aqui a letra para uma canção das Janeiras. Feliz no Novo!

5 le 11 janvier 2012 Comunidade 05 P e PCP questionam governo sobre aumento exorbitante Governo aumentou olumentos consulares tabela de molumentos Consulares ato consular antes agora aumento Certificado de registo consular Passaporte Passaporte para menores de 12 anos Passaporte para idade superior 65 anos Não apresenta passaporte anterior ítulo de viag única Passaporte tporário Cartão de cidadão Processo de Casamento Certidão de nascimento estamento público Procuração econhecimento de assinatura Fotocópia autenticada Fotocópia simples to praticado Permanência consular * Do custo Deputado socialista Paulo Pisco questionou o Governo sobre o aumento exorbitante dos olumentos consulares, que são spre superiores a 20%, disse à usa o parlamentar. Na generalidade, todos os atos consulares têm um aumento superior a 20%. sto é verdadeiramente exorbitante e vai colocar problas aos portugueses que estão a viver fora do país no acesso aos serviços consulares, porque muitos, ao ver preços tão elevados, não terão disponibilidade para tratar dos seus problas burocráticos, podendo causar outros problas de caráter pessoal e profissional, afirmou o parlamentar socialista. Deputado quer saber as razões que justificam este aumento nos preços dos atos consulares e se o inistério dos Negócios strangeiros (N) não receia que os novos olumentos cri dificuldades aos Portugueses no exterior. Paulo Pisco quer também saber que valores serão acrescidos aos outros atos consulares, além da issão de Cartões de cidadão e Passaportes regime de Permanência consular, e se o N t objetivos a atingir no que diz respeito ao aumento de receitas dos postos consulares ou de geração de lucro. Deputado considerou que os igrantes portugueses são penalizados com estes aumentos nos olumentos, já que Portugal os preços de vários documentos não sofreram um acréscimo tão alto. Paulo Pisco referiu que entre os documentos que os olumentos ficaram mais caros, encontram-se alguns que são muito solicitados e que são fundamentais para a resolução de problas burocráticos, de prego ou de mobilidade, como o Cartão do cidadão, Passaportes, títulos de viag, certidões de nascimento, processos de casamento, entre outros. Paulo Pisco declarou que alguns documentos ficaram mais caros cerca de 150%, como no caso de um pedido de título de viag. Houve, segundo o parlamentar, o acréscimo de 40 euros e de 50 euros ao custo de um Cartão do cidadão ou de um Passaporte, respetivamente, quando pedidos nas Permanências consulares. Com o encerramento de alguns postos consulares, que t sido parcialmente justificado com a introdução de uma máquina para recolha de dados para issão de Cartões do cidadãos e de Passaportes nas anunciadas Permanências consulares feitas por funcionários do inistério dos Negócios strangeiros, afigura-se assim mais um negócio rentável para o stado, à custa dos cidadãos portugueses residentes no estrangeiro, afirmou o Deputado. PCP também questiona o Governo Partido Comunista Português quer saber os critérios na base do aumento dos olumentos consulares, que alguns casos duplicaram de preço, questionando o Governo sobre a finalidade da receita a arrecadar com as novas taxas. pós retirar aos Portugueses no estrangeiro uma série de serviços que o stado Português lhe prestava, entendeu o Governo de Portugal ser adequado brindar, início de ano, esses mesmos cidadãos com o aumento dos olumentos consulares, refer os 6,50 70,00 50,00 60,00 30,00 10,00 120,00 15,00 100,00 16,50 220,00 37,00 11,00 20,00 2,50 0,00 10,00 75,00 75,00 75,00 40,00 25,00 150,00 15,00 120,00 20,00 300,00 50,00 15,00 23,00 3,00 15%* 38,5% 7,14% 50% 25% 33% 150% 25% 0% 20% 21,2% 36,4% 35,1% 36,3% 15% 20% Deputados comunistas João amos e Bernardino oares, no texto de uma pergunta ao Governo sobre o assunto. s parlamentares comunistas sublinham que várias situações os aumentos vão acima dos 100% e, nalguns casos, vão até 150% e quer saber se na elaboração da nova tabela foram tidas conta as implicações dos aumentos na vida dos cidadãos. PCP quer ainda saber que receita prevê o Governo arrecadar com estes aumentos e se a receita se destina a algum fim específico. s deputados comunistas consideram que o aumento dos olumentos consulares culmina uma série de muito más notícias [...] para os Portugueses que viv fora do país. s medidas anunciadas, quer o encerramento de serviços consulares, quer o despedimento de professores, implicam fortes alterações nas relações entre as Comunidades portuguesas e o nosso país e entre as mesmas e a nossa língua e cultura.[...] o mesmo tpo que se retrai nas suas obrigações perante os portugueses igrados, o stado, exige mais pelo pagamento dos serviços que presta, consideram os Comunistas. Governo diz que aumentos estão linha com os nacionais ecretário de stado das Comunidades, José Cesário, defendeu que as alterações das taxas pagas pelos principais serviços consulares estão linha com os aumentos decretados ao nível nacional, admitindo contudo grandes subidas atos menos praticados. Na generalidade dos atos mais praticados nos postos, os ajustamentos são os que resultam da legislação interna, disse José Cesário à agência usa, identificando a issão de Cartões de cidadão, Passaportes e vistos chengen e a aquisição de nacionalidade portuguesa por menores como a esmagadora maioria dos atos feitos nos consulados. nde os aumentos são maiores é atos onde o Consulado está a prestar um serviço como se se tratasse de um notário privado, nomeadamente traduções, nacionalidades para maiores ou diligências nome dos tribunais, acrescentou. De acordo com a tabela, o pedido normal do Cartão de cidadão custa 15 euros e o urgente com entrega no estrangeiro 45 euros, o Passaporte eletrónico comum 75 euros (mais 5 euros) e um visto chengen mantém o valor de 60 euros. Confrontado a informação de que os documentos seriam acrescidos de uma taxa de 50 euros se foss feitos nas Permanências consulares, José Cesário adiantou que o preço da issão dos documentos nas Permanências consulares é de mais 15% do valor do serviço causa, garantido que mesmo assim se traduz ganho para as populações, que evitam os custos de deslocações de quilómetros aos postos consulares. titular da pasta da migração reconhece, no entanto, que nas cidades de Nantes, Clermont-Ferrand, ille, Frankfurt e snabrück, onde o Governo decretou no ano passado o encerramento dos postos consulares, as populações serão prejudicadas porque passarão a pagar uma sobretaxa que não existia. ão os únicos locais onde há prejuízo. deputado Paulo Pisco Paris, lille e nantes Deputado do P eleito pelo círculo eleitoral da uropa, Paulo Pisco, esteve no fim de sana passado Paris, ille e Nantes, para participar debates e concentrações contra o encerramento de postos consulares e a defesa do ensino do Português no strangeiro. Na sexta-feira, Paulo Pisco participou na inauguração da exposição do fotógrafo ário Cantarinha, no Consulado de Portugal Paris, e no Jantar da cadia do Bacalhau. No sábado esteve ille numa concentração contra o encerramento do scritório Consular. À noite, Viroflay, participou num encontro organizado pelo Coletivo de defesa do ensino do Português. No domingo, o Deputado esteve num encontro com a Comunidade contra o encerramento do Vice-Consulado de Nantes. deputado Carlos Gonçalves Paris e orléans Deputado do P eleito pelo círculo eleitoral da uropa, Carlos Gonçalves, esteve no fim de sana passado França, nas áreas consulares de rléans e Paris, para diversos contactos com a Comunidade portuguesa aí residente, nomeadamente com pais de alunos de português cujos cursos foram recentente suspensos. Participa também numa iniciativa de âmbito cultural organizada pela ssociação Portuguesa de ens. Carlos Gonçalves aproveitou estes contactos com o movimento associativo para abordar o projeto de implantação das Permanências consulares e avaliar do interesse desta iniciativa para as populações que visita. Deputado do Círculo da migração participou ainda na cerimónia de votos de no Novo organizada pela airie de rmesson-sur-arne, cidade onde reside e que é ginada com o unicípio de Penela. ensag do deputado rui sixpence Conzane Deputado do Parlamento de oçambique eleito pelo Círculo leitoral da uropa e do esto do undo, ui ixpence Conzane, enviou uma mensag aos moçambicanos residentes no seu círculo eleitoral, com votos de muita saúde, prosperidade e sobretudo Paz e harmonia para Pretendo neste ano consolidar o nosso relacionamento, político, socioeconómico.

6 06 Comunidade le 11 janvier 2012 Psd pede fim de restrição de iniciativa legislativa dos igrantes Um cidadão português residente no estrangeiro só pode apresentar uma iniciativa legislativa no Parlamento quando o assunto lhe disser diretamente respeito, o que levou o PD a propor a alteração desta lei, que, considera, não é compreensível. m discussão no plenário da ssbleia da epública estiveram na sana passada dois projetos de lei, um do PCP e outro do B, que propõ alterações à ei nº 17/2003, que regula a iniciativa legislativa de cidadãos, no sentido de modificar o número necessário de cidadãos subscritores e a forma como são apresentadas as propostas à ssbleia da epública. s cidadãos pod, se cumprir um conjunto de requisitos, nomeadamente se reunir 35 mil assinaturas, apresentar iniciativas legislativas ao Parlamento. Porém, enquanto os cidadãos residentes e recenseados no território nacional pod fazê-lo qualquer circunstância, os cidadãos recenseados no estrangeiro só pod apresentar iniciativas legislativas que lhes diz respeito, explicou à agência usa Carlos Gonçalves, Deputado do PD eleito pelo Círculo da uropa. Por isso, aproveitando a discussão dos projetos do PCP e do B, o PD, através dos seus Deputados eleitos pelo círculo da igração, comunicou que tenciona apresentar uma proposta, sede de especialidade, que vai no sentido de acabar com a discriminação. É uma grande injustiça que esta lei encerra, afirmou Carlos Gonçalves, considerando tratar-se de uma restrição que não é compreensível. sta injustiça limita claramente a ação legislativa das nossas Comunidades nas questões nacionais, sublinha o Deputado. e queros ligar as Comunidades a Portugal tos de lhes dar a possibilidade de intervir no plano político igual situação com os outros cidadãos portugueses, contrapõe. u dou o meu explo pessoal. ou Deputado há vários anos, fui ecretário de stado e não tenho os direitos, termos de iniciativa legislativa, quando deixar de ser Deputado, como cidadão comum, que têm todos os meus colegas que têm assento neste Parlamento, Quer comentar? Convocada pelo Coletivo para a Defesa do nsino do Português no strangeiro anifestação defesa do ensino frente da mbaixada de Portugal Paris esa da reunião do Coletivo Viroflay D Coletivo para a Defesa do nsino do Português no strangeiro, criado para contestar os cortes anunciados na rede de professores de português na uropa, convocou para sábado uma manifestação frente à mbaixada de Portugal Paris. s manifestantes pretend entregar ao mbaixador Francisco eixas da Costa cerca de três mil assinaturas, disse à agência usa o porta-voz do grupo, aul opes, no sábado à noite, à marg de uma reunião pública do coletivo Viroflay (78). Pais, tios toda a gente assinou. s pais dos alunos s aulas e também os daqueles que ainda têm aulas mas que corr o risco de deixar de ter. s assinaturas vão ser entregues ao mbaixador para que chegu às mãos do inistro dos Negócios strangeiros, Paulo Portas, afirmou. s manifestantes preve concentrar-se frente à mbaixada às 15h00: Nós estamos aqui para resistir. ros continuar a apelar à mobilização da Comunidade portuguesa França para resistir contra estas medidas que o Governo português nos quer impor, garantiu. falar para uma sala com mais de No passado dia 6 de janeiro, teve lugar na Catedral de ainte Croix rléans a cerimónia solene da entrega da espada à nova Jeanne d rc Uma cerimónia muito particular à qual assistiram mais de pessoas para celebrar os 600 anos do seu nascimento. ste acontecimento foi, aliás, marcado no mesmo dia de forma muito relevante pelo próprio Presidente francês Nicolas arkozy que se deslocou a Domrémy, localidade natal de Jeanne d rc, e mais tarde a Vaucouleurs, onde Jeanne d rc lançou 1429 a sua campanha de libertação vitoriosa contra os ingleses. Foi também neste ano que Jeanne d rc libertou rléans do jugo dos ingleses que assim, desde 8 de maio de 1429, celebra anualmente a sua padroeira. Nesta noite, na Catedral de rléans foi, pois, retida a espada de Jeanne d rc, figura mundialmente conhecida que marcou a História de França, à nova Jeanne d rc 2012, na presença de mais de trinta Jeannes, dos últimos anos, sendo de meia centena de pessoas, aul opes argumentou que estas medidas - que o Governo justifica com os constrangimentos económicos que o país vive e com o que considera ser uma injustiça entre o cenário do ensino do português na uropa e fora dela - são mais políticas do que económicas : que o Governo quer é a privatização e depois o fim do ensino do português França, disse. Na mesa estavam também o Conselheiro Parcídio Peixoto, o Presidente da CCPF, José Cardina, a Presidente da associação de Viroflay, Helena Neves, o arqueólogo Nuno Gomes Garcia e o Deputado socialista Paulo Pisco. nstituto Camões reduziu 49 postos de trabalho de professores de português da rede no estrangeiro, França (20), uíça (20) e spanha (9). Pelas contas do Coletivo, França mais de duas mil crianças ficaram s aulas de português. mbaixador Paris, Francisco eixas da Costa, calcula que esse número esteja entre os e os Desde que esta redução do número de professores foi conhecida, a Coordenação Geral do nsino do Português França t feito esforços no sentido de ajustar as turmas, aumentando o número de alunos cada sala, para atenuar o probla. Pais, professores e encarregados de educação, apoiados por diversas associações ligadas ao ensino do português França, organizaram uma manifestação dezbro, também junto à baixada, e apresentaram, com a assinatura do Coletivo, uma queixa ao Provedor de Justiça. Paulo Pisco acusa José Cesário Deputado do P Paulo Pisco, considera que a diplomacia económica, que o inistro dos Negócios strangeiros t sublinhado como prioridade da sua tutela, está a secar as políticas para as Comunidades. s Comunidades portuguesas têm sofrido os maiores ataques de que há mória. se o CD e o inistro Paulo Portas têm a sua obsessão e a sua preocupação com a diplomacia económica, que t, evidentente, importância, já não é aceitável que o ecretário de stado das Comunidades, José Cesário, se comporte como o coveiro das políticas para as Comunidades, acrescentou, referindo-se ao encerramento de diversos vice-consulados de Portugal na uropa, três deles França. respeito do nsino do Português no strangeiro (P), ta do encontro que o levou ali, o Deputado afirmou que o Governo está a nivelar por baixo a questão e acusou o PD e o CD-PP de estar a gerar o afastamento e a desresponsabilização do stado relação ao ensino da língua. té agora tinha havido, no caso particular da uropa, uma progressiva dignificação e valorização do Celebração do 600 aniversário do nascimento de Jeanne d rc Cônsul honorário de orléans nas Festas da Jeanne d rc omento do espetáculo D assinalar que a Jeanne d rc 1993 foi ophie edeiros, de orig portuguesa. m 2012, os 600 anos de Jeanne d rc serão festejados não apenas sobre alguns dias do mês de maio, ensino do português, e agora estamos a assistir a uma regressão inqualificável, disse, argumentando que, com este desinvestimento, o Governo está a generalizar o modelo que existe fora da uropa. José Cesário acusa P as o ecretário de stado das Comunidades, José Cesário, disse que as reações do Partido ocialista nos últimos tpos revelam uma mória extramente curta e uma falta de vergonha enorme a propósito do encerramento de Consulados. Confrontado pela agência usa com as críticas do Deputado socialista, o ecretário de stado disse que o P se esquece que o anterior Governo (de José ócrates) encerrou ou despromoveu 25 Consulados todo o mundo. Cesário disse ser obrigado a recordar às pessoas o que aconteceu com Durban, antos, que era um dos maiores Consulados do Brasil, com Nogent-sur-arne, com Versalhes, com rléans, o que aconteceu um pouco por todo o mundo e reiterou que para os mais recentes encerramentos anunciados pelo Governo estão a ser criadas situações de substituição s prejuízo para os utentes. stamos a atravessar uma fase extramente difícil Portugal do ponto de vista económico, fruto grande parte de erros que foram cometidos exatamente por um governo socialista, que gastou o que não devia, que foi incapaz de controlar a dívida pública, e que agora nos v acusar, que encerrámos cinco pequenos postos, com um movimento extramente limitado, de sermos os coveiros das Comunidades, referiu José Cesário, para qu a acusação é inadmissível e inaceitável. mas durante todo o ano, com vários tpos e momentos fortes que as comorações respeitarão as tradições e que, como referiu o aire erge Grouard, o municipio de rléans se esforçará por modernizar estas festas a fim de federar todas as gerações: exposições virtuais, cinéjardins, espetáculos de som e de luz, festas eletro ao longo do oire... No acontecimento e entre as diversas personalides oficiais locais, civis, religiosas e militares, convidadas por erge Grouard e arie-christine Bordat-Chantegrelet, Presidente da ssociação rléans-jeanne d rc, encontravam-se o Cônsul Honorário de Portugal rléans, José Paiva que, representação do nosso país assistiu à celebração na Catedral, consecutiva ao cortejo e ao espetáculo de som e de luz inerentes.

7 le 11 janvier 2012 Comunidade 07 n présence du Député Paulo Pisco (P) anifestation à lille contre la fermeture du Bureau Consulaire portugais Par ntónio arrucho e samedi 7 janvier, à ille, sur la Place endès France, une manifestation a eu lieu pour contrecarrer la décision de fermeture du Bureau Consulaire de ille. algré les difficultés, la manifestation s est déroulée de façon digne. Ce fut un moment de réflexion où maintes personnes de différents horizons ont pu se voir et échanger leurs idées et propos. u niveau médiatique, la manifestation fut un franc succès: de nombreux suports de communications régionaux étaient présents, dont France3, Grand ille V, adio France Bleu, a Voix du Nord, mais aussi e Nord Éclair. Étaient présent aussi le Député Paulo Pisco, des djoints et des Conseillers de la airie de ourcoing, dont fait partie abine eis. Cette dernière s occupe actuellent de la préparation des festivités e aire de eclin (60), Bernard Debreu, 1er Vice-Président de ille étropole Communauté Urbaine, vient d écrire à l mbassadeur Francisco eixas da Costa contre la fermeture du Bureau Consulaire de ille. «J ai appris dernièrent que le Bureau Consulaire du Portugal à ille doit fermer dans quelques jours par mesure de restrictions budgétaires. J ai égalent été alerté par David da ilva Vasconcelos, Président de l association bérica, basée à eclin, qui s inquiète à juste titre du sort réservé aux Portugais de la région Nord Pas-de-Calais» écrit Bernard Debreu. «n effet, beaucoup d entre eux anifestation samedi dernier, Place endès France D Contre la fermeture du Bureau consulaire de ille le aire de seclin écrit à l mbassadeur du Portugal n ont ni le tps ni les moyens de se déplacer à Paris pour effectuer les démarches administratives incontournables pour leur vie quotidienne sur le territoire français. r, notre région compte pas moins de lusodescendants, ce qui représente une population non négligeable, très bien implantée dans le Nord, et qui nous a apporté beaucoup culturellent». «a perte de ce service consulaire à ille représente une vraie catastrophe pour les familles d origine portugaise, qui se retrouvent ainsi blessées dans leur identité. C est aussi un recul fort dommageable pour le Portugal, qui va forcément perdre de la visibilité dans notre région. C est pourquoi, malgré la dureté de la crise, il ne nous sble pas pertinent, à nous, élus, responsables associatifs et simples citoyens, de supprimer le Bureau Consulaire du Portugal à ille» écrit le aire de ille. «Je me permets donc de vous interpeller sur cette situation, afin de plaider auprès des utorités portugaises le maintien du Bureau Consulaire de ille». Bernard Debreu a écrit à Francisco eixas da Costa car il a reçu, luimême, une lettre de David da ilva Vasconcelos, le Président de l ssociation bérica, de eclin. «e lien Franco-Portugais du Nord dans le cadre de Guimarães, Capitale européenne de la Culture, ayant lieu en galent présents des mbres de diverses ssociations Portugaises de la région, des mbres du Comité de promotion du Portugal et de la usophonie. près maintes échanges et conversations entre manifestants, le sentiment était, et reste, qu il y a beaucoup à perdre pour une économie aussi peu significative. la presse, le Député Paulo Pisco a même affirmé que «le Consulat de ille était rentable». Qui va pouvoir faire l éventuel fonctionnaire qui se rendra dans le Nord, deux jours par saine? Nous avons pu savoir que, le matin même, le jour de fermeture du Consulat, une des fonctionnaires s était déplacée chez une personne de 95 ans pour lui faire signer un document. C est égalent ça un Consulat: la proximité. Qui le fera dain? Pas-de-Calais existait pourtant depuis la 1ère Guerre ondiale! oldats Portugais, venus renforcer les lignes entre les villes de a Couture et ichebourg durant la Bataille de la ys, sont morts pour la France» rappelle le Président d bérica dans la lettre envoyée au aire de eclin. «alheureusent, des événents récents me poussent à vous écrire afin de vous exposer le réel désastre auquel de nombreux Portugais d origine et de nationalité, habitant la région, voire eclinois, sont actuellent confrontés». t il rajoute: «Nous ne cessons de subir les erreurs commises par nos dirigeants qui plongent nos pays dans cet état de crise. es restrictions budgétaires qui en découlent, sont lâchent appliquées sur les subventions aux associations et actions culturelles ou encore sur l enseignent des langues en supprimant des postes de Professeur». «n 2007, la Communauté portugaise s était déjà indignée face à la suppression du poste de Consul, ce qui avait réduit le Consulat à l état de Bureau Consulaire. es quelques Permanences que souhaitent mettre en place les autorités portugaises ne permettront jamais de rplacer cette institution! Pensons aux Portugais en activité ou même en retraite qui devront se déplacer à Paris afin d effectuer leurs démarches administratives! ls supporteront les difficultés et les frais de déplacents ainsi que les journées de travail perdues à cet effet», a écrit David da ilva Vasconcelos, qui est aussi Vice- Président du Comité de promotion du Portugal et de la lusophonie en Nord Pas-de-Calais. mbaixador já indicou nome para Cônsul honorário Clermont-Ferrand mbaixador de Portugal França, Francisco eixas da Costa, já enviou ao Governo uma proposta para que o Consulado honorário na cidade de Clermont-Ferrand, cujo Vice-Consulado encerra na sexta feira, possa começar a funcionar ainda este ano. m declarações à agência usa, Francisco eixas da Costa afirmou que a proposta está agora estudo pelo Governo e que, se tudo correr b, será possível avançar com uma solução no primeiro sestre deste ano. Penso que se se conseguir encontrar a pessoa adequada, se se conseguir encontrar um registo de trabalho com o Consulado geral yon, poderos garantir aos cidadãos portugueses Clermont-Ferrand uma alternativa razoável relativamente àquilo que era o trabalho fornecido pelo Vice-Consulado anterior. Não é possível avançar com uma data, mas falamos de algo para o primeiro sestre deste ano, afirmou. baixador considerou que, bora esta alternativa não substitua a 100 por cento o Vice-Consulado, é positiva. respeito do impacto que o encerramento dos três vice-consulados França terá nas Comunidades de Clermont-Ferrand, ille e Nantes, o mbaixador reconheceu que haverá menor facilidade e menor recurso imediato, mas considerou que a medida não implicará um prejuízo muito grande para a generalidade dos Portugueses residentes nessas zonas. partir de sexta-feira, os residentes Clermont-Ferrand vão passar a recorrer ao Consulado-geral yon, a cerca de 200 quilómetros. s residentes nas áreas consulares de Nantes e de ille vão ter que dirigir-se ao Consulado-geral, Paris, a mais 400 e de 200 quilómetros, respetivamente. Conferência do PiCV França etor PCV França convocou os seus militantes para uma Conferência do etor a realizar no próximo sábado, Clichy, onde vai ser eleito o novo Primeiro ecretário do etor já que a atual Primeira ecretária vai regressar a Cabo Verde. usojornal sabe que, até ao momento que se fecha esta edição há três candidatos ao posto.

8 08 Comunidade le 11 janvier 2012 o Consulado informa... stou a viver França há 5 anos com a minha mulher e filhos. êm-me pedido várias vezes o ivret de Famille. Como posso obter um? De que documentos preciso? esposta : Consulado Geral de Portugal Paris ite o ivrete de Família. Para obtê-lo basta dirigirse às instalações do Consulado ou para maior comodidade, fazer o seu pedido pelo correio. Juntamente com o seu pedido, é necessário apresentar o Cartão do Cidadão ou o Bilhete de dentidade válidos, um justificativo de domicílio (que pode ser qualquer fatura com a indicação de residência), a certidão de nascimento do pai e da mãe, a certidão de casamento dos pais (itida há menos de 12 meses) e a certidão de nascimento de cada filho do casal. Pode consultar esta e outras informações no site do Consulado ou contactar-nos através da nossa central de atendimento telefónico Consulado Geral de Portugal Paris 6, rue Georges Berger Paris Justiça francesa condena cidadão da Guiana nascido no Brasil Um cidadão da Guiana nascido no Brasil e imigrado França, driano raújo da ilva, foi condenado a 30 anos de prisão, na sana passada, pelo assassínio de uma jov australiana, Jeanette Keefe, ureaux, na região de Paris. ribunal do departamento de Yvelines decidiu pela condenação com uma pena efetiva de dois terços da sentença, conforme o pedido realizado pelo Procurador geral. juiz Jean-Pierre Getti declarou que júri ficou convencido de que o crime foi cometido por driano raújo da ilva pelo facto de ele ter confessado inicialmente o crime às autoridades e pela presença de vestígios de DN no corpo da vítima. corpo de Jeanette Keefe foi encontrado janeiro de 2001, num saco-cama num estacionamento ureaux. driano raújo da ilva já era conhecido da justiça francesa por ter realizado dois roubos e mais uma infração de trânsito. nterview avec le Député Jean-Paul Garraud le Portugal à l honneur dans le Chapitre magistral de la Confrérie de saint romain-les-bordelais Par anuel Nabais a Confrérie de aint omain-en- Bordelais et Pays ibournais organise son Chapitre magistral le 25 février prochain. a Confrérie rencontre une trentaine de Confréries portugaises par an et en reçoit une bonne quinzaine chaque Chapitre. ors du Chapitre de cette année, avec la participation d une centaine de Confréries, le Portugal sera le pays à l honneur. usojornal a interviewé Jean-Paul Garraud, Député de la Gironde, ecrétaire National de l UP à la Justice, Conseiller égional d quitaine et mbre de la Confrérie de aint omain-en-bordelais et Pays ibournais. usojornal: Vous êtes élu dans une circonscription où la Communauté portugaise est importante. Parlez-nous de votre carrière en tant que magistrat puis homme politique. Jean-Paul Garraud: Pendant vingt ans, j ai assumé des responsabilités de terrain dans différents tribunaux. Juge, Juge d nstruction, Président de ribunal, Directeur adjoint de l École Nationale de la agistrature, Vice Président du ribunal de Paris. Ce métier difficile, je l ai exercé avec passion et je n en suis parti que pour encore mieux m occuper de Justice à l ssblée nationale où je suis spécialiste de ce domaine si important pour la société et nos concitoyens. a Justice est le seul inistère qui porte le nom d une vertu à laquelle je tiens beaucoup. J ai été le rapporteur de nombreux textes, sur la lutte contre la récidive, sur la grande criminalité, sur la rétention de sureté et l encadrent des délinquants dangereux, sur la loi pénitentiaire, sur l exécution des peines. ais, je m occupe aussi de très nombreux dossiers locaux dans différents secteurs et je fais le lien entre Paris et ma région. usojornal: Vous aimez le Portugal mais pour quelles raisons? Jean-Paul Garraud: D abord parce que le Portugal et la France ont toujours été deux pays très proches. À diverses périodes ils ont eu une histoire et des convergences communes. Car, s il y a eu les bères et les Celtibères, le père du prier oi portugais Dom fonso Henriques, était le fils de Dona eresa et d Henri de Bourgogne. l y eu ensuite des liens culturels très forts avec les échanges, avant rasmus, si j ose dire, entre la orbonne et l Université de Coimbra. es invasions napoléoniennes ont mis une tâche sur les relations entre les deux pays mais cela n a pas pêché en 1917 le corps expéditionnaire portugais de venir au secours du peuple français. Par ailleurs la France a accueilli de nombreux immigrés portugais qui se sont très bien intégrés, mais aussi des réfugiés politiques et des artistes qui fuyaient l tat Nouveau. Pour en revenir plus spécifiquent à la Gironde, le Consul ristide de ousa endes, dont tout le monde connait l abnégation et l humanisme, a été l une des grandes figures bordelaises dans son soutien indéfectible à la communauté juive mais pas seulent. J aime beaucoup les paysages et les plages portugaises, notamment la région montagneuse du Nord uest et son littoral. Déguster un verre de Porto à Vila Nova de Gaia ou un verre de vin vert pétillant est toujours un grand bonheur. orsque je retournerai au Portugal j irai à isbonne pour visiter la aison de Fernando Pessoa, savourer les Pastéis de nata de Belém et si possible voir un match de football. ux Girondins de Bordeaux nous avons eu d excellents joueurs de football portugais et Pauleta en est l exple. usojornal: Dans la littérature portugaise, quels sont vos écrivains préférés? Jean-Paul Garraud: Des amis Portugais m ont fait découvrir lorsque j étais étudiant à la Faculté de droit les écrits de Fernando Pessoa. Depuis, cet auteur me fascine tant par sa vie que par ses hétéronymes et son œuvre complexe et universelle. J ai lu voilà deux ans la ythologie de la audade d duardo ourenço mais les romans d ça de Queiroz notamment es aias sont rarquables. ais si le Portugal est un pays de grands écrivains il a aussi de grands peintres à l instar de aria Helena Vieira da ilva qui a longtps travaillé et vécu en France. usojornal: e Portugal sera à l honneur en Gironde avec une manifestation extrêment importante organisée par la Confrérie de aint-omain en Bordelais et Pays ibournais. De quoi va-t-il s agir concrètent? Jean-Paul Garraud: Du vendredi 24 au lundi 27 février, différentes Confréries européennes seront présentes. e Portugal sera le pays mis à l honneur. l y aura des intronisations, des défilés et de multiples manifestations culturelles assurées par des mbres de la Communauté portugaise de la Gironde et venant du Portugal. cadia do Bacalhau distribuiu cheques a duas associações de solidariedade Por lfredo de ima No passado dia 6 de janeiro, as Comadres e os Compadres da cadia do Bacalhau de Paris reuniram-se no estaurante a Barraca, Villejuif (94), não só para uma boa ceia de bacalhau, que foi servida pelo Chefe do restaurante, mas também para cantar as Janeiras. Presidente da cadia do Bacalhau, ntónio Fernandes, depois de dar as boas vindas e apresentar os seus votos de um Bom no 2012 a todas as Comadres e Compadres presentes, agradeceu também a presença do convidado de honra da noite, o Deputado socialista Paulo Pisco, eleito pelo círculo eleitoral da uropa. presença do jov ilusionista afael, com apenas 17 anos, animou o jantar com os seus truques. as se é verdade que este primeiro jantar do ano 2012 ficou marcado pelo cantar das Janeiras, a cadia do Bacalhau de Paris quis começar o ano, tal como acabou o de 2011: Député Jean-Paul Garraud D Presidente ntónio Fernandes entre Paulo Pisco e Victor Gil Photo ima com ações de solidariedade ao encontro das pessoas mais carenciadas da Comunidade. lguns Compadres tiveram a possibilidade de se exprimir, tal como aconteceu com o cantor ony do Porto que ocionou muitos dos presentes, quando apresentou a associação Force du Coeur, para ajudar aqueles que sofr de doenças psicomotoras. ony do Porto contou o caso do pequeno Valentim que nasceu praturamente, pesando apenas 500 gramas, s reação, como morto, mas com a força de vontade do corpo médico e a fé dos pais, hoje o Valentim já brinca, já canta à sua maneira, e o seu sonho é poder jogar futebol. Para ajudar esta família a levar o jov Valentim para tratamentos Cuba, a cadia do Bacalhau de Paris deu um donativo de euros. ambém o Provedor da anta Casa da isericórdia de Paris, Joaquim ousa, agradeceu a cadia do Bacalhau pelo almoço de Natal que a cadia organizou no antuário de Nossa enhora de Fátima Paris, que o eitor Padre Nuno disponibilizou gratuitamente o salão de honra para este almoço de angariação de fundos, para ajudar Portugueses que viv com muitas dificuldades. Presidente ntónio Fernandes entregou também mais um cheque de euros à anta Casa da isericórdia de Paris. jantar terminou com uma pequena intervenção do jov Compadre fonso Galvão, lbrando às Comadres e Compadres que no próximo jantar haverá eleições e sugerindo que sejam apresentadas listas para que a docracia continue nesta cadia. fonso Galvão relbrou que só poderão votar as Comadres e os Compadres que tenham as cotas dia!

9 le 11 janvier 2012 nsino 09 l École primaire nthoard les enfants chantent les rois à Grenoble novas atividades da associação lusophonie de Pau es enfants chantent les ois devant leurs parents D Par anuel amos e vendredi 6 janvier en fin d aprèsmidi, à l École primaire nthoard de Grenoble, en salle polyvalente, les élèves de la ection internationale de Portugais se sont tous rassblés pour chanter les ois, devant leurs parents et leurs frères et sœurs: «Vamos cantar as janeiras / por esses quintais adentro vamos / às raparigas solteiras / [ ] às raparigas casadas» d après les paroles de: «Natal dos simples», une chanson populaire créée et interprétée par José fonso. n fait, il s agit d une ancienne tradition du nord du Portugal: après Noël, lors de l Épiphanie ou lorsque dalina Carvalho chegou a França ainda recém-nascida, com apenas 24 dias, onde viveu até aos 17 anos. Foi por iniciativa própria que decidiu estudar Portugal, de onde regressou anos mais tarde. dalina define-se como uma grande defensora de Portugal, e a prova disso é que é atualmente a Presidente da ssociação Portuguesa (PP) no colégio/liceu internacional Honoré de Balzac, Paris. usojornal: Quais são os objetivos visados pela associação? dalina Carvalho: s objetivos visados pela associação são a promoção e a divulgação da língua e da cultura portuguesa, e o apoio financeiro para as atividades pedagógicas como as viagens. usojornal: Qual é a vantag de ser mbro da associação? dalina Carvalho: facto de ser mbro permite, quando há viagens, um apoio financeiro de 10% do montante. Caso não haja nenhuma viag marcada, ser mbro permite relacionar-se nos diversos eventos, tal como a gazeta que irá ser publicada meados de Deve aderir spre, pois mesmo que o seu filho não participe na viag, irá ajudar os le clair de lune du mois de janvier s approchait, les gens osaient faire face au froid et sortaient de chez eux, pour aller chanter à tout venant. es chanteurs se plaçaient assez souvent devant la porte de chez des gens particuliers, afin de leur faire partager un moment de convivialité et en s attendant à ce qu on leur apporte de quoi manger et de quoi boire: «abanadas, pão e vinho novo / matavam a fome à pobreza», toujours d après les paroles de la même chanson de José fonso. out comme ce qui se passait autrefois au Portugal, à la campagne, les élèves de Portugais ont pu profiter des sucreries qui ont suivi leurs restantes colegas da turma, além de que permanecerá informado acerca da vida escolar (reuniões, movimentos de greve, etc.). usojornal: Quantos mbros t a associação? dalina Carvalho: adesão à associação é uma adesão por família. ssim sendo, se numa família houver três irmãos, há apenas uma adesão. tualmente, a associação conta com uma adesão de 70% das famílias. Deveria haver 100% de adesão! usojornal: Na sua opinião, porque é que não há uma totalidade de adesão pelas famílias? chants, lors d une collation très conviviale. out le monde s est bien régalé surtout de la «galette des rois» portugaise - le bolo-rei - et d autres spécialités gastronomiques de làbas, notamment les rabanadas (du pain perdu trpé dans du vin, du miel et de la cannelle): une délice! Ce projet a été mené par les enseignants de la ection de Portugais de l École nthoard et de la Cité colaire internationale de Grenoble, s adressant d une façon privilégiée aux élèves de niveau primaire et de sixième, même si leurs camarades des niveaux d études plus avancés ont pu égalent s y immiscer pour y apporter leur petit coup de main. dalina Carvalho: Na minha opinião, isto deve-se, sobretudo, à falta de informação. lgumas famílias desconhec a importância de ser mbro da associação, mas é preciso penharmo-nos na vida escolar dos nossos filhos para que eles obtenham melhores resultados. usojornal: Quais são as principais atividades da associação? dalina Carvalho: associação participa inúmeras reuniões, sejam elas com a mbaixada ou com a eitoria. lém de que nos reunimos pelos menos duas vezes por mês com a ecção para fazermos um balanço da situação. associação contribui financeiramente na elaboração de diversos eventos, como o mercado de Natal, os prémios do concurso de eloquência, o baile dos estudantes da secundária, a gazeta, etc. Por último, a associação organiza encontros com as restantes associações. l a fallu chercher les paroles des chansons sur internet, repérer de la meilleure façon possible les mélodies, répéter les chants : ce fut le moyen de découvrir quelques racines de la culture populaire du Portugal, mieux en saisir les contours et approfondir les connaissances du portugais. près tant de boulot, un succès indéniable! out ce programme a été globalent sponsorisé par l agence grenobloise de Caixa Geral de Depósitos. ssociation des amis de la ection portugaise de l École nthoard «Ciranda» a assuré la logistique concernant le moment de convivialité qui a eu lieu à la fin. Presidente da ssociação portuguesa do colégio Honoré de Balzac de Paris Presidente da PsiP luta pela divulgação da cultura portuguesa Paris Por élanie Pereira (*) dalina Carvalho usojornal / élanie Pereira es parents étaient présents D usojornal: Quais são as atividades no 1 trimestre de 2012? dalina Carvalho: m fevereiro haverá o Concurso de eloquência (arte de b falar), onde participam os alunos do 8 e do 10 ano; março haverá as Portas abertas de Balzac, onde é apresentado o colégio/liceu e a ecção portuguesa, com toda a informação necessária à inscrição, nomeadamente na ecção. usojornal: Como é que integrou a associação e como foi eleita Presidente? dalina Carvalho: u cheguei ao colégio Honoré de Balzac setbro de 2001, era este o primeiro ano da ecção portuguesa. Na altura havia seis alunos no 5 ano e sete alunos no 10 ano. odas as ecções internacionais tinham uma associação, exceto a portuguesa. u e mais um pai de um aluno da ecção portuguesa, o aurent Caillaud, decidimos criar uma. Deste modo, o aurent ficou Presidente e eu a Vice Presidente, cargo que mantive durante nove anos. Quando o aurent deixou a ecção portuguesa, fui eleita Presidente. usojornal: implicação na associação ocupa-lhe muito tpo na vida pessoal? dalina Carvalho: im. cupo-me todos os dias de assuntos ligados à associação, n que seja apenas uma hora para enviar cartas, s, enfim, estar contacto com as restantes associações. (*) élanie Pereira é aluna no colégio/liceu internacional Honoré de Balzac, Paris, e realizou este texto no quadro de um estágio no usojornal. associação usophonie de Pau (64) lança este mês de janeiro duas novas atividades dirigidas para as Comunidades lusófonas. ulas de francês, língua estrangeira associação propõe aulas de francês. ão destinadas a iniciantes com mais de 16 anos de idade e que desej adquirir as bases de língua francesa. erá dada especial atenção à expressão oral. No início, as aulas vão desenrolar-se às segundas-feiras, todos os 15 dias, das 19h00 às 21h00, na JC do aü, a partir de 16 de janeiro. Para beneficiar destes cursos é necessário aderir à JC do aü (10 euros) e pagar uma participação simbólica de 5 euros por mês. telier de escritura associação propõe também um atelier de escritura para a Comunidade de língua portuguesa. atelier abrirá as portas a partir de segundafeira, dia 9 de janeiro. Vai ter lugar às segundas-feiras, todos os 15 dias, na JC de aü, também das 19h00 às 21h00. ste atelier é previsto como um espaço de convívio e partilha. Desenrola-se três etapas: uma proposta de escrita é apresentada pelo animador, seguida, os participantes escrev o seu texto antes de o ler voz alta. atelier respeita o ritmo, o estilo, mas também possivelmente as dificuldades de escrever de cada um, s julgamento. Uma correção do trabalho escrito é possível, mas o atelier não visa especificamente a melhoria da prática do francês, mas sobretudo uma tomada de confiança perante o escrito, a descoberta do prazer de escrever, o conhecimento de si mesmo e o intercâmbio com outros participantes. Para mais informações, contactar ophie Coquelin

10 10 Jurídico le 11 janvier 2012 Hotel da cadeia francesa B&B Évora Um hotel da cadeia francesa B&B, de características budget, vai ser construído este ano Évora, para abrir 2013, num investimento do Grupo ndutex que ronda os quatro milhões de euros, revelou fonte da presa. stão a ser feitas as escavações arqueológicas, que terminam março. Depois, começa a preitada e o prazo da obra ronda os 10 a 12 meses, pelo que, no início de 2013, o hotel estará pronto a funcionar, afiançou à gência usa ndré Ferreira, da ndutex. adeira no salão náutico de Paris região autónoma da adeira esteve presente na 51ª edição do alão Náutico de Paris, com um stand de exposição de metros quadrados de área. Com mais de expositores, distribuídos por quatro pavilhões (veleiros, barcos a motor, equipamentos, destinos turísticos e eventos náuticos), que promoveram os seus produtos junto dos mais de 250 mil visitantes, a adeira considera que esta é uma área de importância económico-social para o arquipélago. 3ème vol sur sa ligne lille-porto compter du 31 mars 2012, yanair ret en place son 3ème vol hebdomadaire sur sa ligne ille- Porto. partir de cette date, les vols sont programmés les mardi, jeudi et samedi. Billets d ores et déjà en vente sur Construção civil Governo promove campanha para evitar exploração de igrantes Governo e o indicato da Construção de Portugal vão lançar breve uma campanha de sensibilização para evitar que se repitam situações de exploração de portugueses recrutados para trabalhar no estrangeiro. e dermos as mãos - o Governo e o sindicato - conseguimos elucidar as pessoas e evitar que os Portugueses caiam situações lamentáveis, afirmou o ecretário de stado das Comunidades, José Cesário, no final de uma reunião com o Presidente do indicato da Construção de Portugal, lbano ibeiro. m declarações aos jornalistas, José Cesário defendeu que a campanha de sensibilização, que estará nas ruas ainda janeiro, servirá para informar os trabalhadores sobre os direitos que têm nos países de acolhimento b como fornecer informações sobre a qu pod recorrer nesses países. Question juridique Quelle est l obligation de l ployeur en matière de protection de la santé et de la sécurité des travailleurs dans l'entreprise? a réponse ne pose aucune difficulté juridique et résulte d une lecture croisée des textes et de l interprétation qui en est faite par les juges. Concernant les textes, la référence est certainent l article du Code du travail qui pose que l ployeur prend les mesures nécessaires pour assurer la sécurité et protéger la santé physique et mentale des travailleurs. Ces mesures, ajoute le texte, comprennent des actions de prévention des risques professionnels et de la pénibilité au travail, des actions d information, de formation et la mise en place d une organisation et de moyens adaptés. ployeur ecretário de stado das Comunidades admitiu que continuam a existir situações de exploração e um fenómeno crescente do fluxo de Portugueses para o estrangeiro, considerando urgente encontrar uma forma das pessoas saír de Portugal com o máximo de segurança. lém de prevenir situações futuras, José Cesário admitiu o recurso aos meios diplomáticos à disposição para contactar as autoridades locais para agir quando exist situações de exploração. À reunião, lbano ibeiro levou fotografias que retratam as más condições de alojamento que os trabalhadores portugueses encontram ao chegar aos países de acolhimento, apontando a lanha, França e nglaterra como os países que exist atualmente mais situações de escravatura contporânea. veille à l adaptation de ces mesures pour tenir compte du changent des circonstances et tendre à l amélioration des situations existantes. exte complété par l alinéa 1er de l article du même Code aux termes duquel, le salarié bénéficie d un examen médical avant l bauche ou au plus tard avant l expiration de la période d essai par le médecin du travail. xamen médical d bauche qui a pour finalité de s assurer que le salarié est médicalent apte au poste de travail auquel l ployeur envisage de l affecter ou, le cas échéant de proposer éventuellent les adaptations du poste ou l affectation à d autres postes et de rechercher si le salarié n est pas atteint d une affection dangereuse pour les autres travailleurs. e salarié bénéficie encore d un examen de reprise de travail par le médecin du travail après certaines absences pour des raisons de santé et a fortiori lors d une suspension du contrat de travail pour cause de maladie professionnelle ou d accident du travail. Du point de vue de la jurisprudence, la Cour de cassation vient de conforter sa position dans un arrêt du 22 septbre 2011 en rappelant que l ployeur, tenu d une obligation de ão casos de autêntica escravatura contporânea de trabalhadores despregados que são levados por redes mafiosas, afirmou o sindicalista, considerando que a campanha de sensibilização vai resolver grande parte dos problas. lbano ibeiro adiantou que esta campanha chegará aos concelhos do interior onde são recrutados os trabalhadores e envolverá um conjunto de agentes como as Paróquias e as Juntas de freguesia. indicato da Construção de Portugal estima o encerramento de 12 presas por dia e eliminação de 100 mil postos de trabalho 2012 se o Governo não tomar medidas para dinamizar o setor. e este Governo não investir três áreas - saneamento, estradas secundárias e requalificação das cidades -, o setor pode perder 100 mil postos de trabalho 2012, alertou lbano ibeiro. José Coelho vocat sécurité de résultat en matière de protection de la santé et de la sécurité des travailleurs dans l entreprise, doit en assurer l effectivité. lors que les examens médicaux d bauche, périodiques et de reprise du travail auxquels doivent être soumis les salariés concourent à la protection de leur santé et de leur sécurité, la défaillance dans la mise en œuvre de cette obligation dont l ployeur est débiteur est sanctionnée, lorsque le salarié prend acte de la rupture de son contrat de travail, par des indnités correspondant à un licencient sans cause réelle et sérieuse. Petroplus pode fechar refinaria de Petit-Couronne Petroplus, presa da qual Patrick onteiro de Barros é acionista e Presidente, anunciou que os bancos congelaram todas as suas linhas de crédito até que se encontre uma solução para o financiamento da presa. No final do ano, o grupo petrolífero suíço, que enfrenta graves dificuldades financeiras, anunciou a suspensão provisória da atividade de três das suas cinco refinarias a partir de janeiro.

11 le 11 janvier 2012 edias 11 presentado na sana passada Cap agellan lançou novo portal com o sapo.pt presentação do portal no Consulado de Portugal usojornal / ário Cantarinha associação Cap agellan lançou na sexta feira da sana passada, no Consulado Geral de Portugal Paris, um portal na internet com uma visão de Portugal à medida das novas gerações de lusodescendentes França: um produto moderno para combater clichés e alimentar a costela portuguesa. Presidente da Cap agellan, Hermano anches uivo, disse à agência usa que este projeto é uma ideia amadurecida pelo tpo, com o trabalho de muitos, e que assinala os 20 anos da associação. Criámos a Cap agellan há duas décadas, éramos jovens com 25 anos. Nessa altura já nos preocupava a imag de Portugal França. Desde então, a associação transformou-se numa espécie de mil folhas: os novos elentos foram chegando, alguns dos mais velhos partiram mas outros ficaram e ficam spre alguns de todas as gerações, contou. portal da associação, construído parceria com o apo é, explicou, um upgrade no trabalho que até aqui t vindo a ser feito : Neste sítio oferecos informação direcionada aos lusodescendentes, português e francês, de forma moderna, eliminando clichés sobre Portugal, acrescentou. Queros continuar a contribuir para alimentar a costela portuguesa, a contribuir para dar a estes jovens, que já são mais franceses do que portugueses, uma imag moderna de Portugal. contribuir para que os franceses também possam usufruir do nosso trabalho, afirmou. sítio t uma bolsa de prego com ofertas de trabalho para falantes de francês e de português, t itinerários para viagens Portugal, uma agenda de eventos, incluindo concertos, e notícias sobre a presença portuguesa e lusófona França. No lançamento esteve também presente bílio artins, Diretor Geral do apo. Conheço a Cap agellan há pelo menos 17 anos e por isso estou certo que esta experiência vai resultar disse bílio artins. portal apo quer ser um elo de ligação entre a lusofonia, estamos ngola, oçambique e até imor, tínhamos de estar também nas Comunidades. radio Capsao démarre ses émissions sur oyonnax adio Capao, la radio latine de yon et Vienne, franchit un nouveau cap à l aube de ses trois ans d existence, en démarrant en ce début d année une troisième fréquence. près Vienne, le Conseil upérieur Petição: salvos o uronews português Uma Petição para salvar o uronews português, continua disponível na internet. Foi anunciado que as dificuldades financeiras do stado português poderão pôr risco a continuidade do uronews português a partir de 2013, devendo todo o respetivo quadro estar definido e esclarecido até julho de uronews, canal europeu de notícias instalado yon, foi criado Hoje, é visto mais de 150 países todo o mundo, chegando a 350 milhões de lares por via hertziana, digital, cabo ou satélite. É presentente produzido e itido 13 línguas diferentes. Quanto ao serviço língua portuguesa, iniciou-se 1999, sendo, hoje, distribuído a 100 milhões de lares todos os continentes. Face aos benefícios alcançados e à projeção assegurada, o custo anual de 2 milhões de euros não pode ser de l udiovisuel a sélectionné adio Capao pour une nouvelle fréquence à yonnax. écouter sans modération sur le 89.9 F. rois ans, trois fréquences. Une bonne nouvelle pour commencer l année 2012! considerado elevado: corresponde ao investimento de 2 cêntimos/ano por cada lar atingido. valor pago ao uronews para os novos participantes com versões linguísticas próprias é de 6 milhões de euros anuais, o triplo do custo atual para Portugal diz o texto da Petição. continuidade do uronews língua portuguesa é, quer si mesmo, quer sobraneira no quadro europeu, um primordial propósito estratégico de Portugal e da nossa língua. No momento que se fecha esta edição do usojornal, mais de pessoas já assinaram a petição.

12 12 ntrevista le 11 janvier 2012 deux élections cette année usojornal: Comment les Français du Portugal peuvent-ils voter? ude de morim: Pour l élection Présidentielle il faudra qu ils viennent voter à l urne, à Porto, en personne, ou par procuration. ls peuvent donner procuration à quelqu un qu ils connaissent qui est égalent inscrit au Consulat de Porto, qui viendra voter à leur place. usojornal: t pour le scrutin législatif? ude de morim: ls pourront voter de quatre manières différentes: à l urne, par procuration, mais égalent par correspondance et par internet, et là c est une belle innovation. t pour les législatives de cette année, pour la prière fois, les Français de l étranger vont élire 11 Députés, dont un pour la Péninsule ibérique, c est à dire Portugal, spagne, ndorre et onaco. usojornal: Vous expliquez cela dans les rencontres avec les Français? ude de morim: ui, et ils n en avaient absolument pas conscience, ce qui est tout à fait normal. C est une belle opportunité. ls auront leur Député, ça sera pour eux l opportunité de le contacter, de lui écrire, de lui faire part de leurs problèmes et de lui faire connaître aussi les difficultés qui peuvent surgir pour un Français de l étranger, pour un franco-portugais, pour quelqu un qui a une mobilité entre deux pays. ussi, on essaie de recueillir le maximum d adresses électroniques. à aussi c est un changent dans le mode de travail, de la même façon que usojornal a une diffusion complémentaire sur internet - que je lis d ailleurs - nous aussi, nous essayons de maintenir le contact par voie électronique, qui en plus est moins chère et plus efficace. nterview à Paris avant une rencontre avec des élus franco-portugais ude de morim, lusodescenda et Consule Générale de France à Par Carlos Pereira ude de morim, la Consule de France à Porto, est française d origine portugaise. lle était à Paris la saine dernière pour une rencontre avec les élus de l association ctiva. Nous avons profité de son passage à Paris pour l interviewer. usojornal: Combien de Français sont inscrits au Consulat Général de France à Porto? ude de morim: a région consulaire de Porto couvre la région nord et la majeure partie de la région centre du Portugal, donc une bonne moitié du pays. Nous avons environ Français inscrits. l y avait Français inscrits en Cela veut dire une augmentation de 60% en 10 ans. Cette augmentation est liée d une part au retour des lusodescendants au Portugal, d autre part à un intérêt des Français ou des couples franco-portugais à venir s installer au Portugal. usojornal: l y a donc beaucoup de lusodescendants? ude de morim: 60% des inscrits sont des binationaux, mais il y a aussi des lusodescendants qui ne sont pas binationaux et qui n ont que la nationalité française. Je dirais donc que les lusodescendants représentent 70% des Français inscrits au Consulat. Pour les autres, beaucoup ont des liens maritaux avec les Portugais, des couples mixtes. a part des Français expatriés n ayant aucun lien familial avec le Portugal est quand même assez résiduelle. C est donc plutôt une Communauté avec un lien affectif, familial, très fort avec le Portugal. usojornal: t quelle est la principale activité du Consulat? ude de morim: Une grande partie de l activité consulaire est traitée à isbonne. Nous recevons une partie de l activité consulaire, notamment les Cartes d identité et l enregistrent, ainsi que toute la protection des Français en difficulté. Nous avons donc une toute petite activité consulaire mais nous nous occupons aussi du reste, c est-à-dire, des relations politiques avec les autorités locales, des relations culturelles, des relations économiques, des relations avec les collectivités locales françaises et portugaises, des jumelages. C est quand même un grand champ d activités pour une toute petite structure, parce que nous ne sommes que six personnes. usojornal: n 2011 vous avez fait des déplacents dans plusieurs villes du Portugal. Pourquoi? ude de morim: Nous avions une priorité: motiver les Français à s intéresser aux élections présidentielles et législatives qui auront lieu cette année. cette fin, j ai effectué des déplacents dans 6 villes du Portugal, en dehors de Porto, là où effectivent la Communauté française est la plus importante: Braga, Viana do Castelo, Viseu, Guimarães, Coimbra et veiro. es réactions ont été très positives, je pense que c est la prière fois qu il y avait de la part d un Consul général à Porto, l initiative d aller dans les communes, de rencontrer les Français de cette manière informelle, ceci est dû au fait que je sois lusophone. C est vrai que pour moi c était plus facile d organiser les choses, de contacter les airies, et du coup, d aller au devant des Français qui parlent, bien évidment, français, mais qui peuvent, quand ils ont des difficultés, s adresser à moi égalent en portugais. usojornal: Vous en faites donc un bilan positif? ude de morim: D une part les Français ont été touchés de cette initiative, ils m ont dit qu ils étaient heureux de pouvoir être en contact avec nous, ils m ont posé toute sorte de questions, parfois bien au-delà de mon rôle. Un résultat immédiat a été celui de se connaître entre eux. n fait, on se rend compte que les Français ne se connaissent absolument pas, ils sont très bien impliqués dans le tissu local, du fait de leurs liens familiaux. ls ont des problématiques spécifiques, notamment la question de l enseignent de la langue française, qui est en voie de disparition au Portugal, cela leur pose des problèmes pour leurs enfants qu ils souhaitent binationaux à part entière et bilingues à part entière. ls s interrogeaient sur la manière de se regrouper, pour essayer de mettre en place des structures associatives d enseignent, de dander l appui de l lliance française, d œuvrer ensble pour faire pression auprès des écoles, là-dessus on a besoin d être regroupés et quelques uns ont eu des contacts utiles. D autres ont été heureux ude de morim est originaire de Falorca, près de ondela usojornal / Carlos Pereira es fonctions à Porto m ont ra usojornal: Vous êtes d origine portugaise par votre père, c est bien ça? ude de morim: n fait, c est mon grand-père portugais qui est venu en France en 1920 après la Prière Guerre ondiale. l avait été mobilisé pour partir sur le front pendant la guerre, mais il n a finalent pas pu partir. l en a eu un certain regret et donc, aussitôt la guerre finie il a décidé de partir en France et de travailler sur les différents chantiers. l était de Falorca, près de ondela. usojornal: t où s est-il fixé en France? ude de morim: l a beaucoup bougé car il accompagnait la construction des chins de fer. l a été dans la région Centre, à Bordeaux, en Normandie et ensuite il s est fixé en région parisienne, l s est marié avec une portugaise, leurs enfants sont quasiment tous né au Portugal, y compris mon père. on père est venu en France de 1931 à 1937, mais il est reparti au Portugal pendant la Deuxième Guerre ondiale. l est né au Portugal, mais on peut considérer que c est une deuxième génération. l a pu faire des études, il est rentré dans la vie professionnelle en étant déjà Chef de chantier. l parlait portugais mais il avait un souhait d intégration en France. Nous avons vécu en région Champagne, puis à ontpellier, où mes parents sont encore installés. usojornal: l vous a appris la langue portugaise? ude de morim: on père ne m a pas du tout appris le portugais. Je suis allée quelques fois en vacances au Portugal, évidment, dans la famille, mais j ai commencé à apprendre le Portugais à l Université, à l âge de 19 ans. nsuite je suis entrée au inistère des ffaires trangères et j ai eu la chance d avoir pour prier poste à l étranger, un

13 le 11 janvier 2012 ntrevista 13 nte Porto d avoir connu des gens qui ont eu le même parcours qu eux en France, certains ont passé 30 ans en France, et au final ils ont été heureux de pouvoir partager. C est une façon aussi pour eux de vaincre leur isolent. Je sais que certains se sont rencontrés par la suite et ont poursuivi les réunions et les rencontres entre eux. usojornal: t sur le plan économique, il y a des projets en cours? ude de morim: l y a des entreprises françaises qui souhaitent s implanter dans le nord et qui nous contactent. ls contactent aussi Ubifrance, à isboa, qui leur donne toutes les informations, mais nous pouvons leur donner quelques informations locales. Beaucoup sont des P s, des entreprises de qualité. Certaines le font par souci de délocalisation de leur activité en France, c est vrai, je pense par exple à une entreprise de robinetterie qui s est installé sur Braga, pour d autres ce sont des délocalisations d activités qui on lieu actuellent en sie, notamment dans le secteur textile, dans le luxe. Cela montre bien que le Portugal a une nouvelle carte à jouer au sein de l Union européenne. es coûts portugais commencent à nouveau à être compétitifs par rapport aux coûts de la production en Chine, et d autre part il y a le savoir faire portugais. Dans le domaine de l artisanat d excellence, du luxe, le Portugal a une carte à jouer. usojornal: Vous suivez aussi les jumelages? ude de morim: l y en a énormément. Nous ne les connaissons pas tous. Certains ne marchent pas, d autres marchent très bien. l y a parfois de nouvelles dandes. Des communes françaises qui cherchent des villes au Portugal. l y a encore de l intérêt, mais il faut savoir comment les structurer. usojornal: Vous êtes venue en France pour rencontrer des élus portugais. Pourquoi? ude de morim: J ai dandé à rencontrer Hermano anches uivo parce que je savais qu il avait un rôle actif au sein de la Communauté portugaise. Nous aurons en 2012 différents événents au Nord du Portugal, qui, à mon sens, peuvent intéresser les Français et la Communauté pproché de ma famille poste à Brasilia et c est là où j ai pu vraiment acquérir la langue, mais avec un accent brésilien, ce qui amusait beaucoup ma famille. usojornal: t maintenant c est Porto ude de morim: J ai été tout à fait volontaire pour aller sur Porto et j étais vraiment heureuse que le inistère m accorde cette chance. Cela m a encore rapproché de ma famille. Une partie de ma famille habite à Porto, d autres sont à isboa, Braga, je maintiens un grand contact avec eux, on a passé Noël ensble. usojornal: Vous avez acquis l accent portugais maintenant? ude de morim: l y a certaines choses qui effectivent évoluent, mais c est très difficile parce que j ai longtps parlé le portugais du Brésil, je suis mariée à un brésilien, mes enfants sont franco-brésiliens, je laisse donc les choses se faire naturellent. usojornal: Que pensez-vous de la Communauté portugaise de France? ude de morim: a Communauté portugaise de France est très importante au niveau numérique mais, à mon sens, elle n a pas le poids politique et culturel qu elle devrait avoir dans ce pays. es Portugais ont consacré la force de leur travail à la construction de la France, à deux reprises, après la Prière Guerre portugaise de France: Guimarães Capitale européenne de la culture et la France est le pays invité de la Casa da úsica de Porto. Vous savez aussi que le tourisme français au nord du Portugal est très important, après l spagne, la France est le deuxième pays le plus présent au nord du Portugal. es Français ne vont pas en lgarve, ils vont au nord, dans la vallée du Douro, mais pas seulent, ils aiment le tourisme culturel et historique. usojornal: ais au Portugal on connait très peu les lusodescendants ude de morim: Dans Casa da usica, nous allons essayer de promouvoir un cycle de débats d idées, en marge de la programmation musicale, qui doit avoir lieu au quatrième trimestre de 2012 et dans le cadre de ce débat d idées, nous allons parler des relations franco-portugaises et je voulais qu on en parle, en mettant en avant l apport des lusodescendants, de voir la relation franco-porttugaise en mettant en valeur le rôle des lusodescendants en France parce que même au Portugal, on ne valorise pas non plus, le rôle des lusodescendants. J aimerais que ceux qui ont un parcours rarquable puissent venir s exprimer. C est un pari? Ce n est pas facile, on va voir si cela va marcher. usojornal: Un dernier message aux lecteurs de usojornal? ude de morim: nciter la communauté française et franco-portugaise à avoir un rôle citoyen plus actif, dans les deux pays, et donc à s inscrire auprès du Consulat, parce que c est ce qui fait notre force, c est avec ces chiffres qu on peut montrer ce qu on représente. es inscriptions et les votes, ça parle aux politiques. urtout si on montre que nous sommes mobilisés dans les deux pays. usojornal: t concernant la Crise. Vous la vivez au Portugal. Que vous inspire-telle? ude de morim: Jusqu à présent, la France a eu une attitude très solidaire visà-vis du Portugal. Ça, c est un point positif. Peut-être est-ce dû à la forte présence portugaise en France. Cette solidarité montre que la France et le Portugal partagent bien le même destin européen et je pense qu il faut maintenir cette solidarité jusqu à la fin de la crise. ondiale et après la Deuxième Guerre ondiale, comme l ont fait mon grandpère et mon père et je pense que cet apport devrait être reconnu. Je pense qu aujourd hui la culture portugaise mérite d être mieux connue et mieux considérée en France. C est pour cela que je salue les initiatives de usojornal, qui va au-delà des frontières de la Communauté portugaise et qui revendique une place dans la société française. l enseignent du français usojornal: Vous avez un ycée Français à Porto? ude de morim: N o u s avons u n s u - perbe ycée Français à Porto, qui répond aux exigences du Gouvernent français, qui a une homologation, mais qui a une part assez importante de ses cours en portugais, qui a à la fois des cours de langue portugaise et d histoire et géographie portugaise. l y a 80% de Portugais et seulent 20% de Français inscrits, alors qu à isboa c est plus dans une proportion de Cela veut dire que les Portugais considèrent que c est un bon enseignent et qu il convient à leurs enfants. usojornal: t pour ceux qui n habitent pas Porto? ude de morim: l y a un service de bus qui existe dans la grande banlieue de Porto, mais qui ne va pas jusqu à Braga et Viana do Castelo. il y avait une dande de ce genre, on pourrait évident organiser un service de bus. usojornal: enseignent de la langue française diminue fortent au Portugal n est-ce pas? ude de morim: Nous faisons savoir aux autorités portugaises qu elles ont intérêt à privilégier le plurilinguisme. Nous leur disons qu en France nous apprenons au minimum deux langues, et ils ont intérêt aussi à avoir cette démarche, ils doivent aller au-delà de l anglais. ls peuvent apprendre l espagnol, bien sûr, parce que l spagne est un partenaire important pour le Portugal, mais en apprenant la langue française ils ont quand même un autre univers qui s ouvre à eux. C est-à-dire tout l espace de la francophonie qui est énorme et actuellent, en cette période de crise on voit bien que les entreprises portugaises s intéressent à cette espace francophone. lles ont envie de travailler avec le aghreb notamment, avec l frique, avec la France, le Canada. n plus, avec la nouvelle émigration il y a un renouveau d intérêt pour les pays francophones, des nouveaux départs vers la uisse, le uxbourg, la Belgique, la France. Dans toutes les lliances Françaises au Portugal, nous notons une augmentation des inscriptions ce qui montre bien qu il y a un intérêt, une prise de conscience de la part des Portugais.

14 14 Cultura le 11 janvier 2012 o Cônsul de Bordéus omã longa-metrag portuguesa Cônsul de Bordéus, sobre o diplomata ristides de ousa endes, abrirá março o 7º Festival nternacional de Cina de uscat, mã, informou o nstituto do Cina e udiovisual. festival decorrerá de 24 a 31 de março e é considerado um dos primeiros festivais de cina a surgir na zona do Golfo. Com realização de Francisco anso e João Corrêa, Cônsul de Bordéus é protagonizado por Vítor Norte no papel de ristides de ousa endes, o diplomata português que, à revelia de liveira alazar, atribuiu cerca de trinta mil vistos a refugiados perseguidos pelo regime nazi Film de Joaquim Pedro de ndrade à Paris e usée Dapper à Paris, présente le film «acunaíma» de Joaquim Pedro de ndrade, le vendredi 20 janvier, à 20h30 Joaquim Pedro de ndrade adapte un classique de la littérature moderniste brésilienne des années 20 et crée une œuvre radicale et excentrique portée par l une des plus grandes figures du cinéma populaire: Grande telo. Œuvre centrale de la cinématographie brésilienne, «acunaíma» deure sans doute l une des meilleures incarnations de la richesse culturelle du Brésil. Projection suivie d une rencontre animée par Catherine uelle. lain robbe-grillet no Fantasporto Fantasporto vai realizar, com o apoio da mbaixada de França, uma retrospetiva da obra do cineasta lain obbe-grillet, conhecido também pelo seu papel de argumentista e pela sua ligação à corrente literária do nouveau roman. cineasta francês que vai ser objeto de retrospetiva no Festival nternacional de Cina do Porto, a decorrer de 24 de Fevereiro a 4 de arço, é sobretudo conhecido no mundo cinéfilo pelo argumento de No no Passado arienbad, dirigido por lain esnais. usojornal, de mãos dadas com a cultura História do diz que diz tony Gama lança novo disco Por Clara eixeira fadista Katia Guerreiro atua pela primeira vez no lympia, Paris, no próximo dia 23 e afirmou à agência usa estar ansiosa por cantar na mítica sala francesa. Para o espetáculo, Katia Guerreiro projeta um alinhamento especial que incluirá tas do repertório de mália odrigues que t gravado, como Havos de ir a Viana e mor de mel, amor de fel, e ainda uma letra inédita de João ário Veiga, que interpretará na melodia tradicional do fado icas, de rmando achado. inda não t um título definitivo, pensámos legoria, mas o poa é uma viag pelas letras que tenho cantado. Qu acompanha a minha carreira reconhecerá aqui e ali alguns deles, disse Katia Guerreiro. fadista interpretará ainda o ta de Charles znavour isboa, que incluiu no seu álbum Fado (2008), e especialmente para o público francês a canção a plus belle chanson d amour c est vous, da cantora Barbara, falecida Katia Guerreiro será acompanhada à guitarra portuguesa por uís Guerreiro e Pedro Castro, à viola por José ário Veiga e no contrabaixo por Francisco Gaspar. Contará, como convidados especiais, com os pianistas icardo Vieira e omohiro Hata, que resid Paris e tocam juntos há vários anos. stou ansiosa. Vai ser um dos cantor ony Gama acaba de editar um novo trabalho discográfico intitulado História do diz que diz. Com 12 títulos inéditos português, ony Gama dá a volta à música popular, latina e romântica, passando também pela música das ilhas. cantor já b conhecido da Comunidade conta com um número significativo de álbuns quer português quer francês. Quase todos os anos lanço um novo trabalho. ste levou-me quase dois anos, trabalhei nele França e Portugal com os dois compositores habituais: ui oura e eonardo de zevedo, declara. Não há mar s sal, 4 são as palavras do amor, cha-cha-charme ou ainda u perdi o meu maior amigo são algumas das canções prediletas do artista. Quanto à História do diz que diz tal como as palavras o indicam, ony Gama refere-se àquele que disse mas que não foi ele que disse apenas ouviu dizer... t muito que se lhe diga, qualquer lado alguém diz não fui eu que disse, ouvi dizer fulano..., comenta a sorrir. Cantor de variedade portuguesa ony Gama é sobretudo conhecido França pelas suas participações enquanto ator e cantor revistas e operetas, tais como êves de Vienne, issi mpératrice, es ille et Une Nuits, e Prince de isbonne, entre muitos outros. Gravou diversos álbuns francês conhecendo também bastante êxito. cantor continua as suas digressões França, com espetáculos com vários dançarinos para a Comunidade companhada por icardo Vieira e omohiro Hata francesa através das airies ou de Centros Culturais que me solicitam todo o país, explica. inda recentente estive ouen e yon. ony Gama confessa interpretar muitas vezes um fado nos seus espetáculos franceses o que parece agradar imenso o seu público. as há spre Portugueses que vêm ver Katia Guerreiro canta pela primeira vez no olympia Katia Guerreiro, fadista D os meus espetáculos e isso dá-me muito prazer. cantor não se considera um fadista. as spre gostei de cantar fado aponta o artista natural do Porto que reside França desde a idade dos 18 anos. lternando os seus shows entre o público francês e português, ony Gama t uma agenda b preenchida, de palco palco cativa uma audiência cada vez maior, atualmente o seu álbum já está à venda via internet e muito brevente na Fnac e outros disqueiros assim como Portugal. ambém nas ondas da rádio F se pode já ouvir a sua nova música. Já tive diversos comentários positivos acerca deste novo trabalho, espero que assim continue. ony Gama diz preferir interpretar algumas canções antes da saída do álbum para ver a reação do público. Não costumo marcar datas para apresentação do álbum, acrescenta. cantor já está a trabalhar no próximo álbum francês que deverá sair no final do ano e já anuncia a data do próximo trabalho português para o verão 2013! Qu estiver interessado espetáculos do artista, pode contactá-lo por ail: grandes momentos da minha vida e da minha carreira artística, e é o reconhecimento de tudo isto que me deixa muito feliz, disse a criadora de egredos. sta sala é mítica não só para os Portugueses, e muito especialmente para os fadistas, pelo caso especial que foi para mália odrigues, como para os próprios franceses, disse Kátia Guerreiro, que já se encontra a Paris a tratar da promoção. enho tido várias entrevistas e alguns diretos para rádios, disse. fadista prepara o espetáculo no lympia com todo o cuidado, tanto mais que será gravado com vista à edição daquele que será o seu primeiro DVD. Neste sentido, a imag é muito importante até para que me sinta b, desde a roupa, que talvez não irei usar apenas vestidos desenhados por Carlos Gil, até ao cabeleireiro, o Zeca zevedo, e o maquilhador, o duardo Baltazar, que são fundamentais para que me sinta b cima do palco e que acompanham nesta aventura parisiense, disse a criadora de Pranto de amor ausente. egundo a fadista, há já um canal televisivo internacional interessado adquirir os direitos para transmitir o concerto. Para a fadista, subir ao palco da rua das Capucines é uma conquista depois de muitos anos e muitos concertos França. u acho que já merecia aquela sala, desabafou à usa. Na véspera do concerto no lympia, Katia Guerreiro canta aint Cloud, no Centre Culturel es 3 Pierrots. Depois de Paris a fadista t agenda 37 concertos no estrangeiro, o primeiro está previsto para o dia 22 de fevereiro no Prinzregententheater, unique, na lanha. Katia Guerreiro começou a cantar há 11 anos. édica de profissão dividese entre a prática clínica como oftalmologista e os palcos. ditou o primeiro álbum, Fado maior, julho de 2007, contando já com seis álbuns e tendo gravado duetos com aria Bethânia, artinho da Vila e Ney atogrosso. No ano passado foi distinguida com o Prémio mália para a elhor ntérprete.

15 le 11 janvier 2012 Cultura 15 Par la troupe du héâtre xpérimental d mazonie «Paixão de juricaba» de árcio souza «paixão de juricaba» de árcio ouza D Par Dominique toenesco écrivain brésilien árcio ouza est de retour en France, cette fois-ci avec la troupe du héâtre xpérimental du C d mazonie (anaus), le C. Durant sa tournée en France, le C donnera trois représentations de la pièce «paixão de juricaba» (a passion d juricaba), écrite et mise en scène par árcio ouza: le 11 janvier, à 20h30, à ennes (héâtre de l DC), le 15 janvier, à 17h30 à oulouse (héâtre Jules Julien) et le 19 janvier, à 20h30, à ixen-provence (héâtre ntoine Vitez de l Université de Provence). «paixão de juricaba», pièce créée en 1974 et reprise en 2003 pour célébrer la réouverture du C (fermé après une longue période de censure) a égalent été jouée à Paris, en 1998, à l occasion du alon du livre, par le héâtre de l pprimé, sous la direction d ugusto Boal. lle raconte l histoire tragique du chef indien juricaba qui organisa la résistance contre les colonisateurs européens, au XVè siècle, dans le Haut io Negro. e souvenir de sa lutte deure vivace dans la mémoire populaire, bien que l histoire officielle ait donné la version d une mort indigne au cours de sa capture. a valorisation des cultures indigènes, l intégration de leur imaginaire, la réhabilitation de leur mémoire sont quelques-unes des singularités du héâtre indigène créé par árcio ouza. a troupe du C, dont árcio ouza est le fondateur et l actuel directeur, est composée principalent de jeunes issus des milieux défavorisés de anaus. e héâtre xpérimental du C (ervice ocial du Commerce) leur donne une formation théâtrale, pratique et théorique, en même tps qu il leur octroie une bourse pour qu ils puissent poursuivre des études universitaires. es étudiants s engagent en retour à suivre régulièrent la formation qui leur est dispensée et à jouer le répertoire. À chaque saison ils proposent un programme qui associe théâtre, musique et danse. árcio ouza árcio ouza est né en 1946, à anaus, capitale de l État de l mazonas. À l âge de 20 ans il part faire des études en ciences ociales, à ão Paulo. Parallèlent à ses études il trouve un ploi de scénariste dans le cinéma. l écrit notamment le scénario de «país do futebol» d Hector Babenco et il sera le réalisateur de «elva» (Forêt vierge), film tiré du roman de Ferreira de Castro. Puis il occupe plusieurs postes officiels dans le domaine de la culture, dont celui de Président de la Fondation Nationale pour l rt. Parmi ses pièces, outre «paixão de juricaba», citons «s folias do átex», un vaudeville qui dénonce les comportents des riches propriétaires du caoutchouc et l exploitation des «seringueiros» (récolteurs de latex). œuvre littéraire de árcio ouza comprend égalent de nombreux romans et essais, parmi lesquels: «ad aria» (roman sur les violences policières durant la dictature), «pate contra Chico endes» (la vie du leader paysan assassiné), «Breve história da mazônia» ou encore la tétralogie «Crônicas do Grão- Pará e io Negro» dont il achève actuellent le quatrième volume. ais le grand succès littéraire de árcio ouza ce fut la publication en 1977 de son roman-feuilleton «Galvez, mperador do cre», édité en français en 1998, aux éditions étailié, sous le titre de «mpereur d mazonie», racontant la rocambolesque conquête du cre, ce territoire enclavé entre le Brésil, le Pérou et la Bolivie et la prodigieuse aventure d un conquistador burlesque, Dom uiz Galvez odriguez de ria, attiré en mazonie par la fièvre de l enrichissent facile, à la fin du XXè siècle. lain Juppé brinda com Porto lain Juppé recebe uma garrafa de vinho do Porto D inistro dos Negócios strangeiros francês recebeu uma garrafa de vinho do Porto das mãos do Presidente do nstituto dos Vinhos do Douro e Porto (VDP). Num encontro formal, proporcionado pelo inistro Paulo Portas, anuel Cabral ofereceu uma garrafa de Vinho do Porto ao chefe da diplomacia francesa, lain Juppé, recordando que a França é o principal mercado de exportação do Vinho do Porto, representando cerca de 30% de toda a comercialização deste vinho da egião Darcada do Douro. representante da diplomacia francesa é também o aire de Bordeaux, cidade do vinho, ginada com a cidade do Porto. estratégia do VDP França t vindo a ser fortalecida e adaptada aos novos públicos e às novas formas de consumo. Há uma aposta muito direcionada para a formação de profissionais informados e sensibilizados para o uso e consumo de vinho do Porto, através da formação nas scolas de hotelaria tuteladas pelo ministério da ducação Nacional que conta com o total apoio e coordenação da nspecção Geral da ducação Nacional - conomia e Gestão, na sua componente Connaissance des produits européens et inter-culturalité.

16 16 Cultura le 11 janvier 2012 xposição s egiões de Portugal Fotografias de ário Cantarinha no Consulado de Portugal Foi inaugurada na sexta-feira da sana passada, no Consulado Geral de Portugal Paris, a exposição s egiões de Portugal de ário Cantarinha. Foi com uma chancelaria cheia, que os muros do spaço Nuno Júdice acolheram as quase 50 fotografias de todas as regiões de Portugal. discurso de inauguração esteve a cargo do Cônsul Geral djunto, Pedro onteiro e também estava presente o Deputado Paulo Pisco. fotógrafo ário Cantarinha começou a fotografar 1964, quando chegou a França. sta exposição t as imagens selecionadas de um percurso de quilómetros pelas egiões de Portugal. No espaço da exposição, entre molduras penduradas e molduras por pendurar, o fotógrafo contou à agência usa que começou a gostar de fotografia mesmo antes de saber o que isso era. ou de Folgosinho, junto à erra da strela. Quando os meus pais vieram para França, tinha eu oito, dez anos, andava quilómetros e quilómetros a ário Cantarinha com esposa e filho e com iguel Costa do Consulado D pé com a minha avó para podermos ir à cidade fazer um retrato, que íamos buscar oito dias depois e enviávamos para cá. Pelo caminho, a atravessar a erra, eu pensava que seria lindíssimo se pudesse ficar com aquela imag, levar aquela imag comigo, disse. m França, para onde veio, spre com a fotografia na cabeça, o pai ofereceu-lhe a primeira máquina fotográfica, que ganhou numa daquelas barracas de feira. primeira fotografia que tirou com aquela máquina está guardada, mas algumas das que foi captando Portugal estarão agora expostas Paris, a convite do Cônsul Geral, uís Ferraz. Claro que não tinha fotografias de todas as regiões - que eu queria que estivess aqui representadas - e por isso foi preciso fazer esse trabalho, acrescentou. esse trabalho foram mais de quilómetros percorridos nos últimos dois anos pelas estradas de Portugal, spre a tentar apanhar o céu azul por cima das paisagens mais bláticas. na exposição estão lá todas: na entrada a orre de Belém, isboa, o Douro e a Ponte D. uís, no Porto, a ponte de anta Clara, Coimbra, o plo de Diana, Évora, a greja do Carmo, Faro, e as ilhas. Depois, pelos corredores, a viag segue de norte a sul do país, de Vila Nova de Cerveira a agres. ideia, ratou ário Cantarinha, é mostrar o nosso Portugal : Às vezes vamos tão longe para ver coisas bonitas e esqueco-nos de que tos, s dar por isso, coisas maravilhosas no nosso país, afirmou. exposição egiões de Portugal fica patente no Consulado Geral de Portugal Paris até ao dia 25 e pode ser visitada de segunda a sexta feira, das 8h00 às 18h00. Un tps fort consacré à isbonne Culture portugaise à saint nazaire Par Clara eixeira e pays de la oire met à l honneur la ville de isbonne en début de cette année, avec différents événents déroulés au Fanal, la cène nationale de aint-nazaire, du 10 au 14 janvier. près un spectacle musical autour du fado par les musiciens du groupe icor de lma, le weekend dernier, et un ballet tout en sensualité hier soir avec deux chorégraphies de Paulo ibeiro par les Ballets de orraine, ce mercredi les amoureux du fado pourront se délecter à 20h30 avec ísia. «enhora Da Noite: sa voix grave et touchante, ísia investit à nouveau la scène de sa présence troublante pour présenter son dixième album enhora Da Noite». Dain, le 12 janvier et le lendain à 19h00: «ur les pas de Pessoa», apéro littéraire: «Prolifique et protéiforme, Pessoa est un auteur majeur de la littérature mondiale. Fernando Pessoa écrivait toujours dans un café à isbonne, aussi c est dans une ambiance de bar que arc yseur, accompagné par l accordéoniste hierry Bretonnet, invite à un voyage intime dans l œuvre de cet immense artiste». oujours vendredi, à 21h00, c est au tour du groupe quetrada mené par la pétillante arta iranda, le groupe a inventé sa propre catégorie: le ascabeat le groove du café du coin, en somme, un mélange très portugais de joie de vivre et de douce nostalgie. vec quetrada, la gaieté est de mise, l ambiance et la fête aussi! heure du conte aura lieu le samedi 14 janvier, à 11h00, au if, avec la édiathèque Étienne Caux, autour de la littérature jeunesse portugaise, à partir de 3 ans, lecture bilingue. t plus tard, à 17h00, l audition-concert avec les élèves du CD usique et Danse autour des musiques du Portugal. «ntre elles les mots», aura lieu le vendredi 13 janvier, à 20h30, et le samedi 14 janvier, à 10h30 et à 16h30, au if. vec les élèves de la classe de danse contporaine du conservatoire de danse de aint-nazaire: «ouvents poétiques ou poésie de mots, phrasés accentués ou suspendus, à chacun son langage». Un focus sur le cinéma portugais aura lieu les vendredi, samedi et dimanche, au Fanal. ans oublier la restauration légère au bar du if tous les soirs avec spécialités portugaises jusqu à samedi. a Vice Consule du Portugal à Nantes, osa aria eixeira ibeiro, sera présente à plusieurs événents, qui soulignent ici l immense travail de promotion culturelle portugaise. près Buenos ires, le Fanal poursuit son voyage dans les villes portuaires du monde avec, cette saison, une escale à isbonne, capitale du Portugal, capitale du fado. Une ville cosmopolite située à l bouchure du age, une ville d estuaire ouverte sur l tlantique, comme aint-nazaire. e Fanal 33 boulevard Victor Hugo if alvéole 14 base des sous-marins bd de la égion d Honneur No Consulado Geral de Portugal Paris presentação do livro le fado pour seul bagage Na próxima sexta-feira, dia 13 de janeiro, às 18h30, o Consulado Geral de Portugal Paris acolhe a apresentação da nova edição do livro e fado pour seul bagage de ltina ibeiro. obra será apresentada por atilde eixeira, Diretora da ecção Portuguesa do iceu nternacional de aint Germain-en-aye na presença da autora. No livro e Fado pour seul bagage, ltina ibeiro partilha a história de uma aventura pessoal através uma história coletiva, a história da Comunidade portuguesa França. autora narra sua vida Portugal nos anos 60, numa pequena aldeia perto da fronteira espanhola, e as dificuldades que encontrou à sua chegada França, o bate entre Portugal rural e a área metropolitana de Paris, a diferença também entre o ensino Português e a vida moderna Francesa. Nascida 25 de setbro de ltina ibeiro com o seu livro D 1960 ão Vicente da aia, na região de rás-os-ontes, ltina ibeiro e a sua família deixaram a pátria 1969, então sob a ditadura de alazar, para imigrar França. De uma pequena aldeia distante de tudo para uma grande cidade como Paris, o choque cultural foi enorme e os primeiros anos França foram difíceis. Com o tpo, ltina e a sua irmã habituaram-se a uma nova vida. s pais, no entanto, tiveram grande dificuldade ajustar-se a um país onde a educação não era a que eles receberam e que desejavam dar às filhas. resultado foi um inevitável conflito de gerações. ltina começou a sua escolaridade com nove anos de idade, três anos mais tarde do que as suas colegas. lém disso, os seus pais não permitiram estudos muito longos e, foi com grande pesar, que foi orientada para a uma formação de secretária com dezasseis anos de idade. m 1979 encontrou um prego numa firma de advocacia. Depois de uma adolescência difícil, marcada por uma falta de comunicação com a sua família, 1980, ltina ibeiro decidiu deixar os seus pais para viver a sua vida. Conheceu delino e casou Desta união nasceram dois filhos, arina e Bruno. m 1992, retomou os seus estudos para se aperfeiçoar no domínio da lei mas principalmente pelo prazer de aprender. Formou-se direito 1995, o que lhe abriu as portas do mercado de trabalho. ais de trinta anos após o seu exílio, o desejo de contar a sua história cresceu e, desfrutando de mais tpo livre, começou a escrever. ssim, a autobiografia e fado pour seul bagage foi publicada pela primeira vez pós este lançamento, outra desenraizada, lice Neto, que também queria partilhar a sua viag de armadilhas, confiou-lhe alguns episódios da sua vida. lice au pays de alazar nasceu cinco anos depois, publicada nas edições a voix au chat libré. primeira edição de e fado pour seul bagage (2005), esgotou rapidamente. ltina ibeiro apresenta agora uma nova edição com textos inéditos e com imag renovada, duas versões, uma ilustrada com 52 fotografias a cores e outra de bolso.

17 le 11 janvier 2012 ssociações 17 rganisé par l ssociation Franco Portugaise du Havre le Havre: une fête pour la Galette des rois ssociation Franco Portugaise du Havre organise, le samedi 14 janvier, à 20h30, à la alle des fêtes de Bléville, une soirée «Galette des rois» animée par usibanda, Deejay anu et le groupe nergya. «Une part de Galette et un verre de l amitié seront offerts pour un moment de partage festif» explique au usojornal andrine adeira Chouquet, ecrétaire de l association. e groupe usibanda est né il y a 3 ans, avec la chanteuse aria anuela et sa fille Virginie au chant et Filipe au clavier, le groupe se met au travail et anime les soirées de l ssociation Franco Portugaise du Havre. vec Dj aster anu comme ingénieur sonore, le groupe usibanda décide de «s expatrier» hors de la région répondant aux invitations d associations pour des spectacles. De son côté, le groupe nergya de Brétigny-sur-rge, en région parisienne, va s associer au spectacle propose «un super mélange de musique portugaise et latine joué par des lusodescendants». ssociation Franco Portugaise du Havre a été créée le 26 octobre 2006, par David oares, Président, passionné par son pays, ses us et coutumes et voulant à travers celleci les préserver au sein de la Communauté franco-portugaise du Havre et ses environs. lle a pour but de réunir par le biais de manifestations, d activités, de soirées et de sorties les familles et les amis. «fin de nous faire connaître et partager notre patrimoine culturel et notre histoire, nous participons à différentes manifestations pour la promotion et les fêtes des quartiers de la ville du Havre (aint Fiacre à Bléville et Quartier de l ure pour cette année) en tenant un stand d exposition, animation, spectacle musical avec nos collaborateurs usibanda et par la vente des produits et articles portugais (boissons, produits et articles régionaux portugais)» explique andrine adeira Chouquet. «Nous issa portuguesa st Foy-les-lyon Por Jorge Campos No domingo passado, dia 8 de janeiro, na Paróquia de t uc, na vila de t. Foy-les-yon, a Comunidade portuguesa celebrou a pifania do enhor e a festa dos eis. Vivendo a tradição popular, também no final da celebração houve o beijar do enino Jesus. Uma tradição muito viva nas Beiras e rás-os-ontes, que consiste beijar a imag representando o enino Jesus no Presépio. aqui t uc viveu-se esta tradição. Padre José uís de lmeida, Capelão da Comunidade portuguesa lbrou a importância de se salvaguardar estas tradições religiosas e populares. cultura religiosa é tão importante, se não mais, como qualquer outra. Pois ajuda-nos a termos posições de vida e procedimentos mais humanos e mais cheios de valores morais e sociais. No fim da celebração, várias famílias organizaram e convidaram para um copo da amizade toda a assbleia, onde Portugueses e Franceses confraternizaram e partilharam votos de um Bom no Comunidade portuguesa, durante décadas, aqui na diocese de yon, teve spre dificuldades obter um pastor responsável a tpo completo, e deste modo os seus objetivos omento de partilha depois da missa usojornal / Jorge Campos de pastoral, foss mais vividos e com mais resultados. Decorreram décadas onde a missa mensal foi o ponto de encontro de toda a Comunidade, e assim s mais atividades, a Comunidade caiu num desinteresse pela vida espiritual, e também foi alvo de seitas, citamos os estunhas de Jeová, e de pessoas s escrúpulos, e cheios de interesses pessoais, que com ações e atitudes fizeram que muitos perderam a fé e também a vontade de viver essa fé disse ao usojornal Georgina antos, mbro da Pastoral. spero que este ano seja um ano de novidades, e certas ações da Pastoral se concretiz, e que esta pobreza moral e espiritual, e o conhecimento de si mesmo e da fé se venha a modificar para o positivismo no seio da Comunidade. sociedade moderna não deixa lugar para a espiritualidade, somos nós então a fazer um esforço para a viver, e assim mudar estas tendências que levam à solidão, ao desespero, a depressões, e por vezes até ao suicídio. Comunidade conta hoje com dois polos de celebrações da ucaristia, Vilheurbanne, na Paróquia de ta. dispensons des cours de portugais hebdomadaire pour tous niveaux assurés par un professeur avec chaque année plus d élèves». association organise, le samedi 18 février à la alle des fêtes de Graville, à 20h30, une oirée aint Valentin. Une rose sera offerte aux fmes présentes. «Cette soirée est organisée en collaboration avec et au profit de l association Des iles pour iguel, un enfant atteint du syndrômre trx» explique au usojornal da ecrétaire de l ssociation. «Des artistes reconnus dans le milieu franco portugais viendront nous soutenir pour l occasion en se produisant tour à tour sur scène. eront présents notre groupe local, usibanda, qui se produira bénévolent ainsi que Deejay anu, uis anuel, Paula oares, Deejay Paulito, entre autres». association organise aussi des voyages comme le pèlerinage à ontligeon, le dimanche 13 mai, participe à la procession qui a lieu le dimanche 20 mai, à la chapelle aint ugustin, organise une Journée Pêche en lac, le dimanche 27 mai et participe à des animations de quartier comme la aint Fiacre, le dimanche 26 août, à Bléville, face à la airie, ou à la Fête de quartier Brindeau/eure, en septbre. Une permanence à l association est assurée tous les samedis de 14h00 à 17h00 au 67 rue dmond ostand, e Havre (76), au 1er étage. Família, e t. Foy-les-yon na Paróquia de t uc. Na ta. Família o Padre José uís de lmeida centralizou a formação da catequese para os jovens portugueses, especial para aqueles que acabam de chegar a yon e que não falam francês. Catequistas com a devida formação, e o perfeito conhecimento do percurso pedagógico, e que têm a responsabilidade de duas dezenas de jovens que preparam assim a primeira Comunhão que será feita ou Portugal ou no seio das celebrações da Comunidade no próximo verão. boa notícia «Vinde ver» erminadas as grandes festas do Natal, ano novo e pifania, o terceiro domingo de 2012 propõe-nos uma página do vangelho, onde encontramos Jesus Cristo já adulto. ãonos descritos os passos iniciais da ua vida pública e o momento que os primeiros discípulos decid segui-l. Graças a este texto sabos quais foram as primeiras palavras trocadas entre eles... udo começa com uma pergunta de Jesus: «Que procurais?» É uma questão que revela o enorme respeito de Deus pelos seus filhos, pois Jesus sabe que a fé pode não ser busca, mas sim refúgio. Que por vezes os homens não quer um enhor, mas sim um patrão. Que não desejam a graça, mas sim uma esmola que resolva os problas. pergunta de Jesus sugere que é importante termos spre consciência do objetivo que perseguimos e do que esperamos d le. s discípulos respond com uma outra questão: «abi, onde moras?» É a forma que eles encontram de exprimir a vontade de aderir a Cristo, de habitar com le, de estabelecer comunhão de vida. o chamar-he rabi (que significa mestre ), afirmam o desejo de escutar os seus ensinamentos. referência à morada de Jesus diz-nos que estão dispostos a ficar perto d le e a viver sob a ua influência. «Vinde ver». convite de Jesus significa que le acolhe os novos discípulos. r e ver são os verbos fundamentais, pois a fé só se pode alcançar depois de uma experiência pessoal de comunhão e de encontro com o enhor... Não bastará nunca escutar apenas o testunho de alguém que já acredita: é necessário ir e ver pessoalmente! P. Carlos Caetano padrecarloscaetano.blogspot.com ugestão de missa da sana Comunidade Católica Portuguesa da Paroisse de Notre Dame de Clignancourt 97 rue du ont Cénis Paris issa portuguesa ao domingo, 9h00

18 18 desporto le 11 janvier 2012 Caixa Geral de depósitos partenaire de «la Perche aux toiles» es vendredi 6 et samedi 7 janvier, le Dynamic ulnay Club a organisé, avec le concours de la municipalité d ulnay-sous-bois, la 11ème édition du meeting de la perche aux étoiles. Cette compétition a été ouverte à l ensble des athlètes de tous les niveaux et s est adressé à plus de 250 perchistes venus de la France entière. es ténors de la perche française se sont retrouvés au complexe sportif Paul-Émile Victor, aménagé spécialent pour l évènent. Compte tenu du nombre considérable d'inscrits, la compétition s est déroulée sur 2 jours: 4 concours le vendredi soir, à partir de 18h15 et 8 concours de niveau dès 9h00, le samedi matin. es concours «Élite» ont clôturé ces deux journées de perche non stop avec la participation de l athlète aria ibeiro avares, Championne et recordwoman du Portugal (2011), Championne de France Élite (2011) et 26ème des Championnats du onde à Daegu (2011). tournoi de sueca à Poissy ssociation Culturelle et portive Portugaise de Poissy organise pour la 3ème année consécutive, un ournoi de sueca à la Cascade, 53 boulevard Devaux, à Poissy (95). m Nantes Portugal brilhou no undial de atraquilhos Por Carlos Pereira ealizou-se no fim de sana passado, Nantes, o undial de atraquilhos, que contou mais uma vez com uma eleção portuguesa. Paulo Nunes, que reside França bora participe na eleção Portuguesa, que no ano passado ficou um 3 lugar, não foi além de um 5 lugar este ano, mas ndré endes, o Campeão nacional, classificou-se 9 lugar e Nelson da ocha, o Capitão da equipa, 17 lugar. Portugal t agora 3 atletas no op 20 mundial disse ao usojornal Nelson ocha, que reside na região de Paris e serve de elo de ligação entre a Federação Portuguesa de atraquilhos e os jogadores que moram França. No ano passado, Portugal apenas tinha um atleta no op 20. eleção de Veteranos também está de parabéns, por se ter qualificado 5 lugar, mas o destaque vai para a eleção Juniores que levou para Portugal a medalha de bronze do undial. Filipe Parreira foi a primeira vez que participou num orneio internacional, enquanto que eonardo Pires, que já foi Campeão nacional há dois anos, participou pela segunda vez neste undial. sta é uma boa notícia porque os atletas portugueses estão com um nível muito mais elevado. stão a trabalhar muito b diz Nelson da ocha ao usojornal. Durante os três dias que durou o undial, entre 5 e 8 de janeiro, cerca de pessoas invadiram literalmente o complexo angin-beaulieu, Nantes, o espaço que decorreu pela quarta vez s três Portugueses Carlos eixeira, ndré opes e Nuno Pinheiro, ao serviço do Poitiers Volley, não podiam ter pior recompensa de fim de ano, que uma severa derrota ourcoing (3-0) jogo de atraso da sétima jornada do Campeonato maior francês. que não impediu de terminar o ano 2011 na liderança Provavelmente que esta severa derrota não estava nas previsões dos três voleibolistas portugueses que não só queriam terminar o ano a ganhar, como distanciar-se do seu mais direto perseguidor, o ours Volley. as aconteceu. Contactado pelo usojornal, o libero Carlos eixeira assumiu perfeitamente a derrota. Foi um jogo que nos correu mal todos os aspetos, e depois perante um adversário que moralmente estava preparado para nos fazer miséria. as também não podos esquecer que o ourcoing é uma equipa que luta pelos lugares cimeiros. as tos que ser realistas, a parag de uma sana para as festas de Natal, prejudicou-nos bastante. Penso que a derrota se deve a esta parag. Voleibol, iga o Poitiers inicia o novo ano a ganhar Por lfredo Cadete eleção de Portugal Nantes D Carlos eixeira com a filha D e no fechar do ano foi uma incógnita para os três Portugueses, já o início do ano e no arranque da décima quarta jornada, assim não aconteceu ao entrar com a mão direita, uma vez que o voleibol consecutiva este que é o mais importante evento da modalidade, reagrupando as cinco mesas homologadas a nível internacional. s televisões, as rádios e os jornais, marcaram presença no evento e deram ainda mais visibilidade à modalidade, transmitindo a urosport alguns dos momentos do undial, direto ou diferido, nomeadamente a já mítica final entre a Bélgica e a lanha, que deu a vitória aos Belgas. Federação Portuguesa de atraquilhos homologou a mesa oberto port, uma mesa italiana, das mais baratas do mercado, e foi a única equipa que representa esta mesa, na elite do undial de atraquilhos. Nós, os jogadores que moramos França, estamos mais habituados à mesa homologada França, a Bonzini, mas não somos nós que escolhos as mesas homologadas Portugal diz a sorrir. Portugal participou num dos grupos mais difíceis do undial, tendo perdido contra a Bélgica e contra a Áustria, duas das melhores equipas mundiais da modalidade explica Nelson ocha. liás a equipa da Bélgica ganhou o undial! Depois Portugal ganhou à spanha e mais à frente, quando Portugal estava vias de descer da primeira divisão, foi Nelson da ocha qu salvou a situação ao vencer o último jogo contra a slovénia. É uma posição muito importante para Portugal que apenas t 4 atletas habituados a participar torneios internacionais diz o Capitão da equipa ao usojornal. Por isso continuo a acreditar que foram colocadas mais pedras a uma boa base que só pode progredir nos próximos anos. Já abril, a eleção portuguesa vai participar num orneio undial, na Polónia, unicamente mesas oberto port. Como são as mesas homologadas Portugal, espero que a nossa seleção faça um muito bom resultado neste orneio diz Nelson da ocha. Participar e ter boa classificação no undial de Nantes é um objetivo para qualquer matraquilheiro de alto nível, porque habitualmente os torneios compet-se apenas uma mesa, mas Nantes os atletas têm de ser bons no conjunto das cinco mesas homologadas. s Portugueses não estavam apenas representados na eleção portuguesa já que alguns dos melhores jogadores de França e do uxburgo, são lusodescendentes. liás Paulo Nunes jogou durante alguns anos com a camisola da França, antes de optar por representar Portugal. ais de 40 países estiveram representados Nantes, nomeadamente os stados Unidos e pela primeira vez, as eleções do Kuwait, de ontenegro e da epública Centro africana. joga-se com as mãos vencendo, bora dificilmente, na Córsega, o Gazelec de jaccio (3-2). Uma vitória arrancada a ferros como dita o resultado, mas o mais importante foi entrar o ano a ganhar e os dois preciosos pontos, como concluiu Carlos eixeira que já está pensar no jogo da quinta-jornada da iga dos Campeões contra os alães de Unterhaching, esta quartafeira na lanha, num jogo que quer ganhar para garantir a passag à fase seguinte. esultados da 14ª jornada: Gaz.jaccio-Poitiers 2-3; yon-ours 0-3; ourcoing-paris 3-0; ontpellier-ennes 1-3; oulouse-ète rago 0-3; Cannes-arbonne 3-0; Beauvais-Nantes ezé (adiado para o dia 31/01). Classificação: 1 Poitiers e ours com 34 pontos; 3 ennes Volley 26; 4 ète rago 24; 5 ourcoing, ontpellier e Cannes 23; 14 yon com 7.

19

20 20 desporto le 11 janvier 2012 Ciclismo: Portuguesas continuam no Cs pinay Por Duarte Pereira aça do Val do arne (32 de final) lusitanos ganhou por 11-0 e t novos reforços Por lfredo Cadete Da Veiga ladeado por dérito oreira e rtur achado D usitanos t aur (DH) 11 - Jeunes tade (2ª Div.Dist.) 0 Já há muito que o tade des Corneilles aint aur não conhecia selhante goleada, e os muitos mais golos que os homens de dérito oreira desperdiçaram, parecendo mais um jogo-treino do que um jogo de aça. e os 11 golos poderão ter importância, o mais importante foi naturalmente para o écnico da equipa luso-gaulesa poder avaliar alguns jovens, já que apresentou uma equipa muito modificada do habitual. Quanto ao adversário, militando no Campeonato distrital da segunda divisão do Val de arne, mais não fez do que marcar presença e guardar como triste recordação, os 11 golos sofridos. esta agora aos homens do Presidente rtur achado, aguardar pelo sorteio para conhecer o próximo adversário dos 16 avos de final. Da Veiga e Fabino Gravino reforço Da Veiga (ex-uj), que assinou pelos usitanos de aint aur, e Fabino Gravino à experiência, juntaram-se aos 22 para o estágio de eiria. No fechar do mercado de transferências, o usitanos de aint aur não ficou de braços cruzados e acabou por satisfazer a vontade do écnico dérito oreira ao contratar um dos melhores avançados da UJ (CF), delcion da Veiga Ferreira que com o brasileiro Fabino Gravino (21 anos) indicado pelo Diretor desportivo Valdo, por enquanto à experiência, se juntaram aos 22 jogadores que viajaram para Fátima, Portugal, afim de efetuar um estágio eiria até ao próximo sábado. Quanto ao jov brasileiro Fabino Gravino (21 anos), sabe-se que é avançado e jogador profissional no sporte Clube (Brasil). as terá que mostrar as suas capacidades ao écnico dérito oreira durante o estágio. Pelo que por enquanto está à experiência. s usitanos chefiados pelo Presidente rtur achado, e o Diretor Desportivo Valdo Cândido Filho, já se encontram Fátima para efetuar um estágio de uma sana e dois jogos-treino. primeiro esta quarta-feira contra o Desportivo de Fátima, no estádio unicipal de Fátima, e o segundo na sexta-feira contra o arinhense, no estádio Dr agalhães Pessoa, eiria. regresso da equipa luso-gaulesa a Paris, está agendado para sábado, 17 de janeiro, com partida do aeroporto á Carneiro no Porto. sabel Caetano e Ângela Fernandes, antes de participar nos Campeonatos Nacionais que vão começar no próximo dia 15 de janeiro, assinaram por mais um ano com o C pinay-sur-eine. s Campeonatos Nacionais de Ciclocross vão-se realizar Fermentões, na região de Guimarães. C pinay-sur-eine estará presente pela segunda vez consecutiva, desta vez com as duas ciclistas portuguesas sabel Caetano e Ângela Fernandes. sabel Caetano confirmou ao usojornal que estou muito contente de ter assinado por mais um ano no C pinay-sur-eine e com respeito aos Campeonatos gostava de guardar o título mas vai ser difícil. circuito não é fácil, e todas as minhas colegas que praticam este desporto quer a mesma coisa que eu, o título. sabel Caetano (na foto) acaba de ganhar o último Ciclocross da aça de Portugal, Vila do Conde (ver artigo na página 21 desta edição do usojornal) e com esta vitória conquistou a aça de Portugal usojornal, que patrocina a equipa, vai estar presente nesta manifestação para acompanhar o Campeonato. Números que falam capacidade do ginásio municipal la Halle Carpentier, onde o porting Club de Paris vai defrontar o Benfica Futsal, é de espectadores. s organizadores esperam que encha. sporting jogador de futebol avançado uruguaio ebastian ibas foi prestado ao porting Clube de Portugal, que terá opção de compra sobre o jogador, anunciou o clube italiano de futebol Génova no seu sítio oficial na internet e a notícia foi depois confirmada pelo clube lisboeta. ibas, nascido a 11 de março de 1988 (t 23 anos), ainda não jogou esta época pelo Génova, depois de na época anterior ter marcado 23 golos, 38 jogos, pelo Dijon, na segunda divisão francesa. sl Benfica Futsal en France a 4ème édition du Défi uro Champion proposé par Caixa Geral de Depósitos / Fidelidade undial aura lieu le dimanche 15 janvier, à Paris, à la Halle Carpentier (81 Bld asséna Paris), organisé par le porting Club Paris Futsal en partenariat avec la airie de Paris. Ce tournoi est l un des événents majeurs du Futsal en France et cette année, pour la prière fois en France, l invité d honneur est le Benfica Futsal, Champions D urope Pendant toute la matinée, une trentaine d équipes de futsal amateur venues de plusieurs villes de France vont s affronter sur deux terrains. es équipes ont été sélectionnées par le réseau des agences de la Caixa Geral de Depósitos et les deux meilleures équipes vont s affronter juste avant le grand match du ournoi, le Défi uro Champions qui oppose le porting Club de Paris au Benfica Futsal. e club Champion d urope 2010 est une vraie institution, c est le club le plus populaire du Portugal qui vient pour la prière fois en France à la Halle Carpentier, d une capacité de personnes. «Nous espérons beaucoup de monde» a dit au uso- Jornal le Président du club organisateur, José opes. e match doit avoir ténis português ui achado foi eliminado na sana passada na primeira ronda do pen do Qatar ténis, ao perder com o quarto cabeça-de-série, o francês Gael onfils, por 7-5 e 6-3. melhor tenista nacional não teve argumentos para contrariar o ténis do francês, 16º mundial, e cedeu depois de 1h21 e de cinco break points. achado, 68º da hierarquia, sucumbiu ao serviço do francês, que esteve praticamente irrepreensível no primeiro serviço, concretizando-o 84% das vezes. Baba melhor marcador da iga portuguesa Baba teve uma proposta de compra por parte da ónaco, no valor de 3 milhões de euros. compra ainda não foi feita e a C ports garante que o arítimo não vai deixar sair Baba por uma verba inferior a 6 milhões de euros. ónaco está a atravessar uma fase muito complicada na iga 2 francesa, e foi recentente adquirido pelo multimilionário russo Dmitry ybolovlev. ambém o aint tienne e o ochaux estão interessados Baba. ndebol s franceses do aint aphael (FC Porto), os romenos do Pandurii (Benfica) e os checos do HC Zubri (porting) são os adversários das equipas portuguesas nas competições europeias de andebol. FC Porto defronta o aint aphael para os oitavos de final da aça HF, com o primeiro jogo a decorrer no Dragão Caixa, a 11 ou 12 de fevereiro, e uma sana depois França. FC Porto, Benfica e porting são os únicos sobreviventes portugueses nas competições masculinas de andebol. lieu vers 16h00. icket d entrée: 5 euros (sur place) donnant accès à une tombola avec de nombreux lots à gagner.

A Associação de Pais do LFIP tem o prazer de vos anunciar que no dia 29 de Novembro de 2014 irá realizar-se o 3º Marché de Noël Solidaire.

A Associação de Pais do LFIP tem o prazer de vos anunciar que no dia 29 de Novembro de 2014 irá realizar-se o 3º Marché de Noël Solidaire. Caros pais, A Associação de Pais do LFIP tem o prazer de vos anunciar que no dia 29 de Novembro de 2014 irá realizar-se o 3º Marché de Noël Solidaire. Esta iniciativa insere-se no âmbito de um projeto

Leia mais

PAAES/UFU 2ª Etapa Subprograma 2011-2014

PAAES/UFU 2ª Etapa Subprograma 2011-2014 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA Pró-Reitoria de Graduação Diretoria de Processos Seletivos PAAES 2ª ETAPA SUBPROGRAMA 2011/2014 24 de fevereiro de 2013

Leia mais

CAFEZINHO BRASILEIRO A5

CAFEZINHO BRASILEIRO A5 1 PRONOMES (adjetivo) DEMONSTRATIVOS Déterminant Démonstratifs Oi Paulo, esse bola é do seu filho? Salut Paulo, ce balon est à ton fils? Sim, é dele. Oui, c est à lui. Les déterminants démonstratifs (pronomes

Leia mais

SÓ ABRA QUANDO AUTORIZADO.

SÓ ABRA QUANDO AUTORIZADO. UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS FRANCÊS 2 a Etapa SÓ ABRA QUANDO AUTORIZADO. Leia atentamente as instruções que se seguem. 1 - Este Caderno de Prova contém quatro questões, constituídas de itens e

Leia mais

Carolina de Campos Borges PERMANÊNCIAS E MUDANÇAS: Individualismo, trajetórias de vida e família. Tese de Doutorado

Carolina de Campos Borges PERMANÊNCIAS E MUDANÇAS: Individualismo, trajetórias de vida e família. Tese de Doutorado Carolina de Campos Borges PERMANÊNCIAS E MUDANÇAS: Individualismo, trajetórias de vida e família Tese de Doutorado Tese apresentada ao Programa de Pós-graduação em Psicologia Clínica da PUC-Rio como requisito

Leia mais

FRANCÊS INSTRUÇÕES 1 - ESTA PROVA CONTÉM 1 (UM) TEXTO SEGUIDO DE QUESTÕES DE COMPREENSÃO 2 - ESCOLHA E ASSINALE A ALTERNATIVA CORRETA, SEMPRE DE ACORDO COM O TEXTO EXISTE-T-IL DES RECETTES POUR ÊTRE HEUREUX?

Leia mais

2.2. Ensino e a construção da cidadania: da moral religiosa à moral cívica.

2.2. Ensino e a construção da cidadania: da moral religiosa à moral cívica. 2.2. Ensino e a construção da cidadania: da moral religiosa à moral cívica. Cinq mémoires sur l instruc1on publique (1791). Présenta@on, notes, bi- bliographie et chronologie part Charles Coutel et Catherine

Leia mais

DIÁRIO DE BORDO CONTINGENTE PORTUGUÊS. 22 a 25 de Abril de 2011

DIÁRIO DE BORDO CONTINGENTE PORTUGUÊS. 22 a 25 de Abril de 2011 DIÁRIO DE BORDO CONTINGENTE PORTUGUÊS. 22 a 25 de Abril de 2011 2 MENSAGEM DO CHEFE DE CONTINGENTE Meus caros Caminheiros, Companheiros e Dirigentes... Mais uma vez, uns quantos de nós, terão oportunidade

Leia mais

Resolução da Questão 1 Texto Definitivo

Resolução da Questão 1 Texto Definitivo Questão Internet: . Acesso em: abr. 0. Considerando a figura acima apresentada, redija um texto dissertativo que atenda, necessariamente, ao que se pede a seguir. Identifique a

Leia mais

MENSAGEM DE ANO NOVO DE SUA EXCELÊNCIA O PRESIDENTE DA REPÚBLICA

MENSAGEM DE ANO NOVO DE SUA EXCELÊNCIA O PRESIDENTE DA REPÚBLICA MENSAGEM DE ANO NOVO DE SUA EXCELÊNCIA O PRESIDENTE DA REPÚBLICA Palácio de Belém, 1 de Janeiro de 2012 Boa noite, A todos os Portugueses desejo um Bom Ano Novo, feito de paz e de esperança. O ano que

Leia mais

O jornal das Comunidades lusófonas de França, editado por CCIFP Editions, da Câmara de Comércio e Indústria Franco Portuguesa

O jornal das Comunidades lusófonas de França, editado por CCIFP Editions, da Câmara de Comércio e Indústria Franco Portuguesa dition nº 63 érie, du 04 janvier 2012 Hebdomadaire Franco-Portugais jornal das Comunidades lusófonas de França, editado por CCFP ditions, da Câmara de Comércio e ndústria Franco Portuguesa G U 12 & 13

Leia mais

FAIRTRADE LABELLING ORGANIZATIONS INTERNATIONAL

FAIRTRADE LABELLING ORGANIZATIONS INTERNATIONAL A: Tous les acteurs de la filière du Commerce Equitable certifiés pour la mangue, la banane, la pulpe d araza / Produtores e Comerciantes certificados da manga, da banana e da polpa de araza de CJ Tous

Leia mais

ser difundida para a população: ainda há esperança. Somos capazes de alterar o destino das gerações futuras, dar-lhes um futuro melhor.

ser difundida para a população: ainda há esperança. Somos capazes de alterar o destino das gerações futuras, dar-lhes um futuro melhor. Um futuro melhor Várias vezes me questiono se algum dia serei capaz de me sentir completamente realizada, principalmente quando me encontro entregue somente aos meus pensamentos mais profundos. E posso

Leia mais

Bienvenue au Cours Préparatoire Bemvindos à Primária

Bienvenue au Cours Préparatoire Bemvindos à Primária Bienvenue au Cours Préparatoire Bemvindos à Primária Ce qui ne change pas O que não se altera entre o pré-escolar e o 1º ano no LFIP L organisation administrative/a organização administrativa -Les contacts

Leia mais

MENSAGEM DE ANO NOVO DE SUA EXCELÊNCIA O PRESIDENTE DA REPÚBLICA

MENSAGEM DE ANO NOVO DE SUA EXCELÊNCIA O PRESIDENTE DA REPÚBLICA MENSAGEM DE ANO NOVO DE SUA EXCELÊNCIA O PRESIDENTE DA REPÚBLICA --- EMBARGO DE DIVULGAÇÃO ATÉ ÀS 21:00 HORAS DE 01.01.13 --- Palácio de Belém, 1 de janeiro de 2013 --- EMBARGO DE DIVULGAÇÃO ATÉ ÀS 21:00

Leia mais

PROVA DE EXPRESSÃO ORAL E

PROVA DE EXPRESSÃO ORAL E FRANCÊS 12.ºANO NÍVEL DE CONTINUAÇÃO PROVA DE EXPRESSÃO ORAL E Esta prova desenvolve-se em três partes e tem uma duração aproximada de 20 minutos para cada grupo de dois alunos. Domínios de referência

Leia mais

ADMISSION AU COLLEGE UNIVERSITAIRE Samedi 1 mars 2014 PORTUGAIS durée de l épreuve : 1h30 coefficient 1 IMPORTANT PARTIE RESERVEE A LA CORRECTION

ADMISSION AU COLLEGE UNIVERSITAIRE Samedi 1 mars 2014 PORTUGAIS durée de l épreuve : 1h30 coefficient 1 IMPORTANT PARTIE RESERVEE A LA CORRECTION Coller votre code barre ci-dessous ADMISSION AU COLLEGE UNIVERSITAIRE Samedi 1 mars 2014 PORTUGAIS durée de l épreuve : 1h30 coefficient 1 IMPORTANT Le sujet est paginé de 1 à 3. Veuillez vérifier que

Leia mais

Mateus Geraldo Xavier. Contribuição do Ensino Religioso no processo de educação da fé: um estudo teológico-pastoral. Dissertação de Mestrado

Mateus Geraldo Xavier. Contribuição do Ensino Religioso no processo de educação da fé: um estudo teológico-pastoral. Dissertação de Mestrado Mateus Geraldo Xavier Contribuição do Ensino Religioso no processo de educação da fé: um estudo teológico-pastoral Dissertação de Mestrado Programa de Pós-graduação em Teologia do Departamento de Teologia

Leia mais

A formação do engenheiro para as próximas décadas

A formação do engenheiro para as próximas décadas Seminário Inovação Pedagógica na Formação do Engenheiro Universidade de São Paulo Maio de 2003 A formação do engenheiro para as próximas décadas Henrique Lindenberg Neto Escola Politécnica da Universidade

Leia mais

Biblioteca Hilda Hilst (na República Dominicana) Cristiane Grando *

Biblioteca Hilda Hilst (na República Dominicana) Cristiane Grando * Biblioteca Hilda Hilst (na República Dominicana) Cristiane Grando * São Domingos, março de 2012 Escrito especialmente para o blog de Sônia Mara: http://www.aventurasdasonia.blogspot.com/2012/03/brasileiro-doseculo-o-homem-livro.html

Leia mais

Interferência do português língua materna vs supergeneralização na escrita em francês

Interferência do português língua materna vs supergeneralização na escrita em francês Interferência do português língua materna vs supergeneralização na escrita em francês Pablo Diego Niederauer Bernardi * (UFPel) Isabella Mozzilo (UFPel) Aprender línguas pressupõe o desenvolvimento de

Leia mais

CIDADANIA. na Escola, em Portugal, na UE e no Mundo

CIDADANIA. na Escola, em Portugal, na UE e no Mundo CIDADANIA na Escola, em Portugal, na UE e no Mundo Ser cidadão é ter direito à vida, à liberdade, à propriedade, à igualdade perante a lei, ou seja, ter direitos civis. É também participar no destino da

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 106 Discurso na cerimónia de entrega

Leia mais

CONSULADO GERAL DA FRANCA EM SAO PAULO. O agendamento do seu pedido de visto é feito através do site: http://saopaulo.ambafrance-br.

CONSULADO GERAL DA FRANCA EM SAO PAULO. O agendamento do seu pedido de visto é feito através do site: http://saopaulo.ambafrance-br. CONSULADO GERAL DA FRANCA EM SAO PAULO (atualizado em : 29/08/2014) PEDIDO DE VISTO DE LONGA DURACAO (superior a 3 meses) MENORES ESCOLARIZADOS E DESACOMPAHADOS VIAGEMS ORGANIZADAS POR INTITUCOES OU AGENCIAS

Leia mais

PLANIFICAÇÃO A MÉDIO / LONGO PRAZO

PLANIFICAÇÃO A MÉDIO / LONGO PRAZO PLANIFICAÇÃO A MÉDIO / LONGO PRAZO DISCIPLINA: Francês ANO: 7º Nível 1 Curso: Ensino Básico Total de aulas previstas: 99 Manual adotado: Mots Clés Porto Editora 1º PERÍODO - AULAS PREVISTAS: 41 Competências

Leia mais

Realizar exames supletivos com o apoio da representação diplomática brasileira

Realizar exames supletivos com o apoio da representação diplomática brasileira Propostas da Comunidade Brasileira na Bélgica para a II Conferência Brasileiros no mundo, Palácio do Itamaraty, Rio de Janeiro, dias 14, 15 e 16 de Outubro de 2009 Considerando os Documentos propositivos

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 21 Discurso na cerimónia de instalação

Leia mais

RISCOS - Associação Portuguesa de Riscos, Prevenção e Segurança OS RISCOS E O SISTEMA EUROPEU DE PROTECÇÃO CIVIL *

RISCOS - Associação Portuguesa de Riscos, Prevenção e Segurança OS RISCOS E O SISTEMA EUROPEU DE PROTECÇÃO CIVIL * OS RISCOS E O SISTEMA EUROPEU DE PROTECÇÃO CIVIL * Fernando Manuel Paiva Monteiro Comandante da Academia Militar e ex-presidente do Serviço Nacional de Bombeiros e 228 Introdução Os desastres naturais

Leia mais

CAFEZINHO BRASILEIRO A1-A5 REVISÃO

CAFEZINHO BRASILEIRO A1-A5 REVISÃO PRONOMES PESSOAIS je tu il elle on nous vous informel vous formel ils elles eu você ele ela a gente nós vocês o senhor a senhora os senhores as senhoras eles elas mon, ma, mes ton, ta, tes notre, nos votre,

Leia mais

Bienvenue à l'ecole en France Bemvindo à escola em França

Bienvenue à l'ecole en France Bemvindo à escola em França Bienvenue à l'ecole en France Bemvindo à escola em França Ses objectifs / OBJECTIVOS Éduquer pour vivre ensemble -> Educar para viver juntos Portugais Português Instruire pour comprendre aujourd hui, construire

Leia mais

FR Appel à participation : Micro-résidence de production et d affichage, Porto, Portugal 18 Avril-28 Avril 2016.

FR Appel à participation : Micro-résidence de production et d affichage, Porto, Portugal 18 Avril-28 Avril 2016. FR Appel à participation : Micro-résidence de production et d affichage, Porto, Portugal 18 Avril-28 Avril 2016. L association In Extenso est historiquement liée aux projets «hors les murs» puisque sa

Leia mais

MENSAGEM DE ANO NOVO. Palácio de Belém, 1 de Janeiro de 2008

MENSAGEM DE ANO NOVO. Palácio de Belém, 1 de Janeiro de 2008 MENSAGEM DE ANO NOVO Palácio de Belém, 1 de Janeiro de 2008 Portugueses No primeiro dia deste Novo Ano, quero dirigir a todos uma saudação amiga e votos de boa saúde e prosperidade. Penso especialmente

Leia mais

7114 DIÁRIO DA REPÚBLICA I SÉRIE-A N. o 241 19 de Dezembro de 2005 MINISTÉRIO DO TRABALHO E DA SOLIDARIEDADE SOCIAL TÍTULO I. Disposições gerais

7114 DIÁRIO DA REPÚBLICA I SÉRIE-A N. o 241 19 de Dezembro de 2005 MINISTÉRIO DO TRABALHO E DA SOLIDARIEDADE SOCIAL TÍTULO I. Disposições gerais 7114 DIÁRIO DA REPÚBLICA I SÉRIE-A N. o 241 19 de Dezembro de 2005 Aux fins de l application de l article 6, paragraphe 5, les autorités compétentes sont le commandant en chef de la police («Komendant

Leia mais

O formulário de longa duração e o agendamento no seguinte endereço: http://riodejaneiro.ambafrance-br.org/spip.php?rubrique147

O formulário de longa duração e o agendamento no seguinte endereço: http://riodejaneiro.ambafrance-br.org/spip.php?rubrique147 VISTOS PARA MENORES O formulário de longa duração e o agendamento no seguinte endereço: http://riodejaneiro.ambafrance-br.org/spip.php?rubrique147 Taxa do visto ( não reembolsável) : Paga em Reais (espece),

Leia mais

Escola Básica António Feijó - Ponte de Lima

Escola Básica António Feijó - Ponte de Lima Meta 1º período Salut! On se présente Ma vie en classe - Semelhança de vocabulário entre o português e o francês (palavras que passam por transferência, galicismos e falsos amigos) A França e os franceses:

Leia mais

Discurso do Secretário de Estado do Emprego. Octávio Oliveira. Dia Nacional do Mutualismo. 26 de outubro 2013 Centro Ismaili, Lisboa

Discurso do Secretário de Estado do Emprego. Octávio Oliveira. Dia Nacional do Mutualismo. 26 de outubro 2013 Centro Ismaili, Lisboa Discurso do Secretário de Estado do Emprego Octávio Oliveira Dia Nacional do Mutualismo 26 de outubro 2013 Centro Ismaili, Lisboa Muito boa tarde a todos! Pretendia começar por cumprimentar o Senhor Presidente

Leia mais

Senhor Presidente Senhoras e Senhores Deputados Senhora e Senhores Membros do Governo

Senhor Presidente Senhoras e Senhores Deputados Senhora e Senhores Membros do Governo Senhor Presidente Senhoras e Senhores Deputados Senhora e Senhores Membros do Governo Os açorianos vivem tempos muito difíceis. A cada ano que passa os açorianos sentem os seus rendimentos a baixar. Cada

Leia mais

Vu de ma fenêtre O que eu vejo da minha janela

Vu de ma fenêtre O que eu vejo da minha janela Vu de ma fenêtre O que eu vejo da minha janela Jean Foucault Gloria Kirinus Appel à projet d écriture Chamado geral ao projeto de criação literária Août 2012 Agosto 2012 répondre à : Jean Foucault, jean.foucault0@orange.fr

Leia mais

Prova Escrita de Francês

Prova Escrita de Francês Exame Final Nacional do Ensino Secundário Prova Escrita de Francês 11.º Ano de Escolaridade Continuação bienal Decreto-Lei n.º 139/2012, de de julho Prova 17/1.ª Fase Critérios de Classificação 7 Páginas

Leia mais

Je remercie Mme Narvaez-Goldstein et M. Fourneyron d avoir accepté de suivre ce travail. Je remercie les personnes qui m ont accordé des entretiens

Je remercie Mme Narvaez-Goldstein et M. Fourneyron d avoir accepté de suivre ce travail. Je remercie les personnes qui m ont accordé des entretiens Je remercie Mme Narvaez-Goldstein et M. Fourneyron d avoir accepté de suivre ce travail. Je remercie les personnes qui m ont accordé des entretiens et m ont fait partager leurs connaissances et leurs expériences

Leia mais

MANUAL DO JOVEM DEPUTADO

MANUAL DO JOVEM DEPUTADO MANUAL DO JOVEM DEPUTADO Edição 2014-2015 Este manual procura expor, de forma simplificada, as regras do programa Parlamento dos Jovens que estão detalhadas no Regimento. Se tiveres dúvidas ou quiseres

Leia mais

Provas orais em Língua Estrangeira Ensino Secundário Francês 11º ano, Nível de Continuação Janeiro 2009

Provas orais em Língua Estrangeira Ensino Secundário Francês 11º ano, Nível de Continuação Janeiro 2009 Provas orais em Língua Estrangeira Ensino Secundário Francês 11º ano, Nível de Continuação Janeiro 2009 Esta prova desenvolve-se em três partes e tem uma duração aproximada de 15-20 minutos para cada grupo

Leia mais

Liens et Adresses Utiles. http://guida.querido.net/jogos/ (exercices et jeux sur la grammaire portugaise niveau débutants)

Liens et Adresses Utiles. http://guida.querido.net/jogos/ (exercices et jeux sur la grammaire portugaise niveau débutants) Liens et Adresses Utiles http://guida.querido.net/jogos/ (exercices et jeux sur la grammaire portugaise niveau débutants) http://www.ac-amiens.fr/pedagogie/portugais-bts (sujets et exercices écrits et

Leia mais

PROVA GLOBAL DE 9º ANO DE ESCOLARIDADE FRANCÊS 3 2005-2006

PROVA GLOBAL DE 9º ANO DE ESCOLARIDADE FRANCÊS 3 2005-2006 ESCOLA PROVA GLOBAL DE 9º ANO DE ESCOLARIDADE FRANCÊS 3 2005-2006 I Lisez attentivement le texte ci-dessous et les questions pour avoir une vision globale de ce qu'on vous demande. Une eau pas très écolo!

Leia mais

MERCI DE NOUS RENVOYER VOTRE TEST A : info@soft-formation.com TEST PORTUGAIS NOM DU STAGIAIRE : PRENOM DU STAGIAIRE :

MERCI DE NOUS RENVOYER VOTRE TEST A : info@soft-formation.com TEST PORTUGAIS NOM DU STAGIAIRE : PRENOM DU STAGIAIRE : - 1 - MERCI DE NOUS RENVOYER VOTRE TEST A : info@soft-formation.com TEST PORTUGAIS SOCIETE : RESPONSABLE FORMATION : TELEPHONE : FAX : NOM DU STAGIAIRE : PRENOM DU STAGIAIRE : TELEPHONE : FAX : DATE DU

Leia mais

BACCALAURÉAT GÉNÉRAL ET TECHNOLOGIQUE. Session 2011 PORTUGAIS LANGUE VIVANTE 2

BACCALAURÉAT GÉNÉRAL ET TECHNOLOGIQUE. Session 2011 PORTUGAIS LANGUE VIVANTE 2 BACCALAURÉAT GÉNÉRAL ET TECHNOLOGIQUE Session 2011 PORTUGAIS LANGUE VIVANTE 2 Série L : 3 heures coefficient 4 Série S : 2 heures coefficient 2 Série STG (sauf CGRH) : 2 heures coefficient 2 Série STG

Leia mais

ECONOMIA SOCIAL PORTUGUESA: PAPEL NO PÓS-TROIKA GERIR UMA FUNDAÇÃO É UM COMPROMISSO PARA O FUTURO

ECONOMIA SOCIAL PORTUGUESA: PAPEL NO PÓS-TROIKA GERIR UMA FUNDAÇÃO É UM COMPROMISSO PARA O FUTURO GERIR UMA FUNDAÇÃO É UM COMPROMISSO PARA O FUTURO Citação de Dr. Emílio Rui Vilar 2 Tempo de mudanças sociais Estamos no início de um século que se adivinha difícil e instável nos seus Problemas Globais

Leia mais

CICLO DE CONFERÊNCIAS "25 ANOS DE PORTUGAL NA UE"

CICLO DE CONFERÊNCIAS 25 ANOS DE PORTUGAL NA UE Boletim Informativo n.º 19 Abril 2011 CICLO DE CONFERÊNCIAS "25 ANOS DE PORTUGAL NA UE" A Câmara Municipal de Lamego no âmbito de atuação do Centro de Informação Europe Direct de Lamego está a promover

Leia mais

Manual de GUIA PRÁTICO ADOÇÃO INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P. ISS, I.P. Departamento/Gabinete Pág. 1/13

Manual de GUIA PRÁTICO ADOÇÃO INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P. ISS, I.P. Departamento/Gabinete Pág. 1/13 Manual de GUIA PRÁTICO ADOÇÃO INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P ISS, I.P. Departamento/Gabinete Pág. 1/13 FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático Adoção (32 V4.07) PROPRIEDADE Instituto da Segurança Social,

Leia mais

Falar a uma só voz: Definir e defender o interesse europeu

Falar a uma só voz: Definir e defender o interesse europeu SPEECH/10/21 José Manuel Durão Barroso Presidente da Comissão Europeia Falar a uma só voz: Definir e defender o interesse europeu Sessão plenária do PE: votação do novo Colégio Bruxelas, 9 de Fevereiro

Leia mais

Gestionnaires d'assurance (h/f) - Lisbonne

Gestionnaires d'assurance (h/f) - Lisbonne Gestionnaires d'assurance (h/f) - Lisbonne Notre client est un courtier-gestionnaire en assurance, un des leaders du marché, spécialisé notamment dans les secteurs de la banque, la téléphonie mobile et

Leia mais

Permitam-me algum informalismo e que leve à risca o Protocolo.

Permitam-me algum informalismo e que leve à risca o Protocolo. 1 - Gostaria de pedir um minuto de silêncio em memória de todos os Bombeiros já falecidos e particularmente de Franquelim Gonçalves, que faleceu no desempenho das suas funções; 25 de maio Inauguração do

Leia mais

1) Breve apresentação do AEV 2011

1) Breve apresentação do AEV 2011 1) Breve apresentação do AEV 2011 O Ano Europeu do Voluntariado 2011 constitui, ao mesmo tempo, uma celebração e um desafio: É uma celebração do compromisso de 94 milhões de voluntários europeus que, nos

Leia mais

Ana Maria Be encourt 1

Ana Maria Be encourt 1 ABERTURA Ana Maria Be encourt 1 Senhor Secretário de Estado dos Negócios Estrangeiros e da Cooperação, Senhor Embaixador Presidente da Comissão Nacional da UNESCO, Senhora Secretária Regional da Educação

Leia mais

A sustentabilidade energética e a estratégia Europa 2020: Que oportunidade para um novo papel do poder local em Portugal?

A sustentabilidade energética e a estratégia Europa 2020: Que oportunidade para um novo papel do poder local em Portugal? A sustentabilidade energética e a estratégia Europa 2020: Que oportunidade para um novo papel do poder local em Portugal? Como é do conhecimento geral, a Estratégia de Lisboa definida pela Comissão Europeia

Leia mais

Apresentação do FDSTP à comunidade santomense em Lisboa

Apresentação do FDSTP à comunidade santomense em Lisboa Fórum da Diáspora de São Tomé e Príncipe (FDSTP) Apresentação do FDSTP à comunidade santomense em Lisboa João Viegas d Abreu COMISSÃO INSTALADORA EMAIL: diasporastp@gmail.com Website: http://www.diasporastp.org/

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca Pronunciamento na primeira reunião

Leia mais

Sr. Presidente da Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores Sras. e Srs. Deputados Sra. e Srs. membros do Governo

Sr. Presidente da Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores Sras. e Srs. Deputados Sra. e Srs. membros do Governo A mulher e o trabalho nos Piedade Lalanda Grupo Parlamentar do Partido Socialista A data de 8 de Março é sempre uma oportunidade para reflectir a realidade da mulher na sociedade, apesar de estes dias

Leia mais

Annales zéro baccalauréat 2013. Bac L - LV2. Ressources pour la classe de terminale. Portugais. Novembre 2012

Annales zéro baccalauréat 2013. Bac L - LV2. Ressources pour la classe de terminale. Portugais. Novembre 2012 éduscol Annales zéro baccalauréat 2013 Ressources pour la classe de terminale Bac L - LV2 Portugais Ces documents peuvent être utilisés et modifiés librement dans le cadre des activités d'enseignement

Leia mais

PROJETO DE RELATÓRIO

PROJETO DE RELATÓRIO PARLAMENTO EUROPEU 2014-2019 Comissão dos Orçamentos 14.11.2014 2014/2185(BUD) PROJETO DE RELATÓRIO sobre a proposta de decisão do Parlamento Europeu e do Conselho relativa à mobilização do Fundo Europeu

Leia mais

CAFEZINHO BRASILEIRO A7

CAFEZINHO BRASILEIRO A7 1 VERBOS REGULARES -ER e -IR Verbes Réguliers -ER et -IR COMER ASSISTIR eu como assisto você come assiste nós comemos assistimos vocês comem assistem BEBER boire DEVER devoir VENDER vendre VIVER vivre

Leia mais

GUIDE DE L ÉTUDIANT INTERNATIONAL

GUIDE DE L ÉTUDIANT INTERNATIONAL GUIDE DE L ÉTUDIANT INTERNATIONAL Votre arrivée à l UFCSPA demande des procédures administratives nécessaires à votre séjour au Brésil (visa, CPF, RNE) et à votre confort et sécurité (santé et transports),

Leia mais

INTERVENÇÃO DO SECRETÁRIO DE ESTADO ADJUNTO E DA DEFESA NACIONAL PAULO BRAGA LINO COMEMORAÇÕES DO DIA DO COMBATENTE, EM FRANÇA

INTERVENÇÃO DO SECRETÁRIO DE ESTADO ADJUNTO E DA DEFESA NACIONAL PAULO BRAGA LINO COMEMORAÇÕES DO DIA DO COMBATENTE, EM FRANÇA INTERVENÇÃO DO SECRETÁRIO DE ESTADO ADJUNTO E DA DEFESA NACIONAL PAULO BRAGA LINO COMEMORAÇÕES DO DIA DO COMBATENTE, EM FRANÇA Richebourg/La Couture, 13 de abril de 2012 Monsieur le Préfet du Pas-de-Calais

Leia mais

Senador Pedro Taques Discurso Manifestações

Senador Pedro Taques Discurso Manifestações Senador Pedro Taques Discurso Manifestações Senhor presidente, Senhoras senadoras, senhores senadores Amigos das redes sociais que também estão nas ruas Estamos em época de competição de futebol. Nosso

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 81 Discurso na cerimónia de entrega

Leia mais

Agradeço muito o convite que me foi endereçado para encerrar este XI Congresso da Ordem dos Revisores Oficias de Contas.

Agradeço muito o convite que me foi endereçado para encerrar este XI Congresso da Ordem dos Revisores Oficias de Contas. Senhor Bastonário da Ordem dos Revisores Oficiais de Contas, Dr. José Azevedo Rodrigues; Senhor Vice-Presidente do Conselho Diretivo da Ordem dos Revisores Oficiais de Contas e Presidente da Comissão Organizadora

Leia mais

Câmara Municipal de Belmonte. Conselho Municipal de Juventude de Belmonte. REGULAMENTO do. Conselho Municipal de Juventude de Belmonte

Câmara Municipal de Belmonte. Conselho Municipal de Juventude de Belmonte. REGULAMENTO do. Conselho Municipal de Juventude de Belmonte Câmara Municipal de Belmonte Conselho Municipal de Juventude de Belmonte REGULAMENTO do Conselho Municipal de Juventude de Belmonte Os jovens têm um papel importante no desenvolvimento de qualquer sociedade.

Leia mais

25 de Abril de 2015 Comemoração dos 41 anos da Revolução dos Cravos

25 de Abril de 2015 Comemoração dos 41 anos da Revolução dos Cravos 25 de Abril de 2015 Comemoração dos 41 anos da Revolução dos Cravos Intervenção da Deputada Municipal do PSD Célia Sousa Martins Senhora Presidente da Assembleia Municipal, Senhor Presidente da Câmara

Leia mais

ASSEMBLEIA MUNICIPAL DE SÁTÃO

ASSEMBLEIA MUNICIPAL DE SÁTÃO 1 ATA DA PRIMEIRA REUNIÃO DA REALIZADA NO DIA DEZASSEIS DO MÊS DE OUTUBRO DO ANO DE DOIS MIL E TREZE Após a instalação dos respetivos órgãos municipais, o Sr. Presidente da Assembleia Municipal cessante

Leia mais

CONCLUSÕES DA REUNIÃO EMPRESARIAL PORTUGAL - ESPANHA. 22 de junho de 2015

CONCLUSÕES DA REUNIÃO EMPRESARIAL PORTUGAL - ESPANHA. 22 de junho de 2015 CONCLUSÕES DA REUNIÃO EMPRESARIAL PORTUGAL - ESPANHA UMA UNIÃO EUROPEIA MAIS FORTE 22 de junho de 2015 A União Europeia deve contar com um quadro institucional estável e eficaz que lhe permita concentrar-se

Leia mais

DIRECTIVA 93/109/CE, 6 DEZEMBRO 1993

DIRECTIVA 93/109/CE, 6 DEZEMBRO 1993 DIRECTIVA 93/109/CE, 6 DEZEMBRO 1993 SISTEMA DE EXERCÍCIO DO DIREITO DE VOTO E DE ELEGIBILIDADE NAS ELEIÇÕES PARA O PARLAMENTO EUROPEU DOS CIDADÃOS DA UNIÃO EUROPEIA RESIDENTES NUM ESTADO-MEMBRO DE QUE

Leia mais

Nacionalidade Portuguesa Folheto Informativo

Nacionalidade Portuguesa Folheto Informativo Nacionalidade Portuguesa Folheto Informativo Lei da Nacionalidade Portuguesa Lei nº 37/81, de 3 de Outubro, com as alterações introduzidas pela Lei nº 25/94, 19 de Agosto Regulamento da Nacionalidade Portuguesa

Leia mais

O GOVERNO. Art.º 182º da Constituição da República Portuguesa

O GOVERNO. Art.º 182º da Constituição da República Portuguesa O GOVERNO Art.º 182º da Constituição da República Portuguesa «O Governo é o órgão de condução da política geral do país e o órgão superior da Administração Pública.» 1 Pela própria ideia que se retira

Leia mais

O USO E A IMPORTÂNCIA DA CANÇÃO NO PROCESSO DE ENSINO-APRENDIZAGEM EM CURSOS DE LÍNGUAS ESTRANGEIRAS

O USO E A IMPORTÂNCIA DA CANÇÃO NO PROCESSO DE ENSINO-APRENDIZAGEM EM CURSOS DE LÍNGUAS ESTRANGEIRAS O USO E A IMPORTÂNCIA DA CANÇÃO NO PROCESSO DE ENSINO-APRENDIZAGEM EM CURSOS DE LÍNGUAS ESTRANGEIRAS Manoela Salles Nery de Castro Eriton Rodrigues de França Departamento de Letras - UFRN RESUMO: O artigo

Leia mais

PROJECTO - FRANCHISING SOCIAL POTENCIADO PELO

PROJECTO - FRANCHISING SOCIAL POTENCIADO PELO PROJECTO - FRANCHISING SOCIAL POTENCIADO PELO MARKETING SOCIAL DESENVOLVIDO PELA CÁRITAS EM PARCERIA COM A IPI CONSULTING NETWORK PORTUGAL As virtualidades da interação entre a economia social e o empreendedorismo

Leia mais

ÉCOLE D HIVER ESCOLA DE INVERNO 2013 (DES)ENGAGEMENTS POLITIQUES ET CULTURELS PROGRAMME PROGRAMA. De 14 a 18 de Janeiro ORGANISATION ORGANIZAÇÃO

ÉCOLE D HIVER ESCOLA DE INVERNO 2013 (DES)ENGAGEMENTS POLITIQUES ET CULTURELS PROGRAMME PROGRAMA. De 14 a 18 de Janeiro ORGANISATION ORGANIZAÇÃO ÉCOLED HIVER ESCOLADEINVERNO2013 PROGRAMME PROGRAMA De14a18deJaneiro (DES)ENGAGEMENTSPOLITIQUESETCULTURELS ORGANISATION ORGANIZAÇÃO PARTENAIRES PARCEIROS DES)ENGAGEMENTSPOLITIQUESETCULTURELS SCIENCESPO

Leia mais

EU CONTO! Autorrepresentação e Cidadania - capacitar pessoas com deficiência intelectual

EU CONTO! Autorrepresentação e Cidadania - capacitar pessoas com deficiência intelectual EU CONTO! Autorrepresentação e Cidadania - capacitar pessoas com deficiência intelectual Eu conto! Palavras explicadas Vai encontrar no texto deste guia algumas palavas a negrito. Estas palavras podem

Leia mais

Discurso de Abertura do Presidente da APAVT no 40º Congresso da Associação Pedro Costa Ferreira Évora, 5 de dezembro de 2014

Discurso de Abertura do Presidente da APAVT no 40º Congresso da Associação Pedro Costa Ferreira Évora, 5 de dezembro de 2014 Discurso de Abertura do Presidente da APAVT no 40º Congresso da Associação Pedro Costa Ferreira Évora, 5 de dezembro de 2014 (protocolo) Exmo. Senhor Vice Primeiro Ministro de Portugal, cumprimento o,

Leia mais

Michel Pêcheux e a Análise de Discurso

Michel Pêcheux e a Análise de Discurso Estudos da Língua(gem) Michel Pêcheux e a Análise de Discurso Michel Pêcheux e a Análise de Discurso Michel Pêcheux et l Analyse de Discours Eni P. ORLANDI * UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS (Unicamp)

Leia mais

Instituto Marista Hoje. Armando Luiz Bortolini

Instituto Marista Hoje. Armando Luiz Bortolini Instituto Marista Hoje Armando Luiz Bortolini IRMÃOS MARISTAS HOJE DIMENSÃO EDUCATIVA E MARIAL INSTITUTO DOS IRMÃOS MARISTAS INSTITUTO DOS IRMÃOS MARISTAS Fundador: S. Marcelino J. B. Champagnat Fundação

Leia mais

Registamos, com afeto, a presença de Vossa Excelência, nesta cerimónia uma honra ímpar para este Instituto.

Registamos, com afeto, a presença de Vossa Excelência, nesta cerimónia uma honra ímpar para este Instituto. Senhor Ministro da Administração Interna. Excelência. Registamos, com afeto, a presença de Vossa Excelência, nesta cerimónia uma honra ímpar para este Instituto. Excelentíssimo Senhor Vice-Procurador Geral

Leia mais

Modelos de Gestão no setor público e intervenção política

Modelos de Gestão no setor público e intervenção política Modelos de Gestão no setor público e intervenção política Agnaldo dos Santos Observatório dos Direitos do Cidadão Participação Cidadã (Instituto Pólis) Apresentação O Observatório dos Direitos do Cidadão,

Leia mais

ELEIÇÕES REGIONAIS ELEIÇÃO DA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DA REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA

ELEIÇÕES REGIONAIS ELEIÇÃO DA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DA REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ELEIÇÕES REGIONAIS 2 0 1 5 ELEIÇÃO DA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DA REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA O que é uma eleição? Uma eleição é quando votamos para escolher quem nos vai representar e falar em nosso nome.

Leia mais

Conversando com os pais

Conversando com os pais Conversando com os pais Motivos para falar sobre esse assunto, em casa, com os filhos 1. A criança mais informada, e de forma correta, terá mais chances de saber lidar com sua sexualidade e, no futuro,

Leia mais

INQUÉRITO - PROJECTO DE TUTORIA A ESTUDANTES ERAMUS OUT

INQUÉRITO - PROJECTO DE TUTORIA A ESTUDANTES ERAMUS OUT INQUÉRITO - PROJECTO DE TUTORIA A ESTUDANTES ERAMUS OUT Desde já, agradecemos a sua participação nesta nova etapa do Projecto de Tutoria a Estudantes ERASMUS versão OUT. Com este inquérito, pretendemos

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 6. EDUCAÇÃO E CULTURA Senhor Reitor:

Leia mais

Mensagem do 1º de Dezembro de 2012

Mensagem do 1º de Dezembro de 2012 Mensagem do 1º de Dezembro de 2012 Por S.A.R. o Duque de Bragança 1 Portugueses: Estamos a viver mais um 1º de Dezembro, o dia em que se afirmou a vontade de independência nacional e os portugueses disseram

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca Do vosso apoio saio revigorado para

Leia mais

MARIA CAVACO SILVA. Pirilampos mágicos, ainda por cima. E só em Portugal

MARIA CAVACO SILVA. Pirilampos mágicos, ainda por cima. E só em Portugal MARIA CAVACO SILVA Faz 25 anos que a Primavera, mais concretamente o mês de Maio, põe pirilampos coloridos a voar, dando sentido às nossas vidas de dia, e iluminando o nosso espírito, de noite. Pirilampos

Leia mais

Maringá-PR, Brasil, Primavera de 2013.

Maringá-PR, Brasil, Primavera de 2013. UNIDADE, LUTA E PROGRESSO Dr. Ronelson Furtado Balde Advogado - Membro da Ordem dos Advogados do Brasil Pós-graduado em Direito do Trabalho e Previdenciário INTRODUCÃO A população da Guiné-Bissau passa

Leia mais

AutArcA de St JeAn de la ruelle é de ViAnA do castelo F R A N C E G R A T U I T

AutArcA de St JeAn de la ruelle é de ViAnA do castelo F R A N C E G R A T U I T dition nº 46 Série, du 31 août 2011 Hebdomadaire Franco-Portugais jornal das Comunidades lusófonas de França, editado por CCFP ditions, da Câmara de Comércio e ndústria Franco Portuguesa G 03 damos-lhe

Leia mais

PLANIFICAÇÃO ANUAL DE CONTEÚDOS DISCIPLINA:Francês 7ºAno Nível I (Turmas A/B/C/D/E)

PLANIFICAÇÃO ANUAL DE CONTEÚDOS DISCIPLINA:Francês 7ºAno Nível I (Turmas A/B/C/D/E) PLANIFICAÇÃO ANUAL DE CONTEÚDOS DISCIPLINA:Francês 7ºAno Nível I (Turmas A/B/C/D/E) Ano Letivo 2012/2013 Temáticos Unité 0 JE COMMENCE Os pronomes pessoais Os números cardinais (1) ( 0-19) Conteúdos Nº

Leia mais

Aranha é chamado de 'macaco' por torcida do Grêmio

Aranha é chamado de 'macaco' por torcida do Grêmio Aranha é chamado de 'macaco' por torcida do Grêmio Publicado em 28/08/2014, 22:09 / Atualizado em 29/08/2014, 02:38ESPN.com.br O jogo entre Santos e Grêmio terminou 2 a 0 para o time alvinegro, mas a cena

Leia mais

PLUS QU UNE ÉCOLE UN AVENIR MAIS QUE UMA ESCOLA UM FUTURO

PLUS QU UNE ÉCOLE UN AVENIR MAIS QUE UMA ESCOLA UM FUTURO PLUS QU UNE ÉCOLE UN AVENIR MAIS QUE UMA ESCOLA UM FUTURO MAIS QUE UMA ESCOLA UM FUTURO O Lycée Français International de Porto, localizado num local excecional, com amplos espaços verdes, não tem parado

Leia mais

ATA ASSEMBLEIA GERAL ORDINÁRIA 2014

ATA ASSEMBLEIA GERAL ORDINÁRIA 2014 ATA ASSEMBLEIA GERAL ORDINÁRIA 2014 Aos vinte e dois dias do mês de março de dois mil e catorze, pelas quinze horas e dez minutos, reuniu, em segunda convocatória, a Assembleia Geral Ordinária da Confederação

Leia mais

INFORMAÇÃO AOS ASSOCIADOS DO MONTEPIO 2/2015

INFORMAÇÃO AOS ASSOCIADOS DO MONTEPIO 2/2015 INFORMAÇÃO AOS ASSOCIADOS DO MONTEPIO 2/2015 A SITUAÇÃO DA ASSOCIAÇÃO MUTUALISTA E A ALTERAÇÃO DOS ESTATUTOS DA CAIXA ECONÓMICA- MG QUE SE PRETENDE FAZER Peço ajuda a todos os leitores para que esta informação

Leia mais

Mensagem de Ano Novo. do Presidente da República

Mensagem de Ano Novo. do Presidente da República Mensagem de Ano Novo do Presidente da República Palácio de Belém, 1 de janeiro de 2015 Boa noite. Desejo a todos um Feliz Ano de 2015. Os meus votos dirigem-se a todos os Portugueses, quer aos que residem

Leia mais

157 spectrum RESUMO PALAVRAS-CHAVE

157 spectrum RESUMO PALAVRAS-CHAVE 157 DA INADEQUAÇÃO DO TERMO ANALFABETISMO E DA NECESSIDADE DE NOVOS CONCEITOS PARA A COMPREENSÃO DO APRENDIZADO DA LEITURA E DA ESCRITA EM LÍNGUA PORTUGUESA NILCE DA SILVA * RESUMO O presente artigo apresenta

Leia mais

Regulamento de Acesso, Circulação e Permanência nas Instalações da Assembleia da República

Regulamento de Acesso, Circulação e Permanência nas Instalações da Assembleia da República Regulamento de Acesso, Circulação e Permanência nas Instalações da Assembleia da República Despacho n.º 1/93, de 19 de março publicado no Diário da Assembleia da República, II Série C, n.º 22 de 22 de

Leia mais

Discurso do Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, na cerimônia em comemoração ao Dia Internacional da Mulher

Discurso do Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, na cerimônia em comemoração ao Dia Internacional da Mulher , Luiz Inácio Lula da Silva, na cerimônia em comemoração ao Dia Internacional da Mulher Palácio do Planalto, 12 de março de 2003 Minha cara ministra Emília Fernandes, Minha cara companheira Benedita da

Leia mais