APROVADO PLANO DE TRABALHO DO COOPERATIVISMO GOIANO PARA 2011

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "APROVADO PLANO DE TRABALHO DO COOPERATIVISMO GOIANO PARA 2011"

Transcrição

1 Jornal do Sistema OCB/SESCOOP-GO INTERCOOPERAÇÃO 5º Encontro Goiano de Mulheres Cooperativistas incentivou a troca de experiências ANO IV Nº 30 NOVEMBRO/DEZEMBRO/2010 PÁGINAS 6 e 7 APROVADO PLANO DE TRABALHO DO COOPERATIVISMO GOIANO PARA 2011 Assembleia Geral Extraordinária da OCB-GO referendou também nova tabela sindical da Confederação Nacional das Cooperativas (CNCOOP) 4 e 5 COOPERJOVEM Estudante de Piracanjuba entre as ganhadoras de prêmio nacional de redação 3

2 GOIAS COOPERATIVO // NOVEMBRO/DEZEMBRO/ OCB-GO Sindicato e Organização das Cooperativas Brasileiras no Estado de Goiás Av. Deputado Jamel Cecílio, 3427 Jardim Goiás CEP: Goiânia-Goiás - Fone: (62) Fax: (62) CNPJ: / CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO Presidente: Antonio Chavaglia (Comigo) Vice-presidente: Antonio Carlos Borges (Agrovale) Secretário: Haroldo Max de Sousa (Centroleite) Membro: Fábio Batista Veloso (Coopmego) Membro: Vanderval Lima Ferreira (Sicoob Goiás Central) Membro: Dejan Rodrigues Nonato (Unicred Brasil Central) Membro: Marcos Mariath Rangel (Sicoob Credicor) Membro: José Abel Alcanfor Ximenes (Unimed Cerrado) Membro: Karla Jorama Tavares Brandão (Uniodonto Goiânia) CONSELHO FISCAL CONSELHEIROS EFETIvOS: Membro: Welber DÁssis Macedo e Silva (Copal) Membro: Adilson Ferreira de Moraes (Comiva) Membro: Vanderval José Ribeiro (Sicoob do Vale) CONSELHEIROS SupLENTES: Membro: Ênio Freitas de Sene (Sicredi Quirinópolis) Membro: João Batista Pereira Machado (Federação das Uniodontos) Membro: Rodrigo Penna de Siqueira (Sicoob Coopercred) Superintendente: Valéria Mendes da Silva SESCOOP/GO Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo no Estado de Goiás Av. Deputado Jamel Cecílio, Jardim Goiás CEP: Goiânia-Goiás - Fone: (62) Fax: (62) CNPJ: / CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO Presidente: Antonio Chavaglia CONSELHEIROS EFETIvOS: Membro: Haroldo Max de Sousa (Centroleite) Membro: Sizenando da Silva Campos Jr. (Unimed Goiânia) Membro: Euclécio Dionízio Mendonça (Complem) Membro: Amarildo Moraes de Oliveira (Comigo) CONSELHEIROS SupLENTES: Membro: Osmar Luiz Salvalaggio (Coacer) Membro: João Batista da Paixão Jr. (Cooperbelgo) Membro: Renato Nobile (Sescoop Nacional) Membro: Edmar Queiroz da Silva (Comigo) CONSELHO FISCAL CONSELHEIROS EFETIvOS: Membro: Astrogildo Gonçalves Peixoto (Coapil) Membro: Pedro Jaime de Araújo Caldas (Sicredi Planalto Central GO) Membro: João Gonçalves Vilela (Cagel) CONSELHEIROS SupLENTES: Membro: Carlos Henrique Arruda Duarte (Coacal) Membro: Rubens da Cruz Santana (Coval) Membro: Danúbio Antônio de Oliveira (Unimed Anápolis) Superintendente: Valéria Mendes da Silva REDAÇÃO E EDIÇÃO: Edson Wander (Mtb /SP) DIAGRAMAÇÃO: Fábio Salazar FOTOGRAFIAS: Arquivo Sistema OCB/SESCOOP-GO e divulgação IMPRESSÃO: Poligráfica / Tiragem: 4 mil exemplares DISTRIBUIÇÃO: Publicação dirigida às cooperativas e entidades ligadas direta ou indiretamente ao cooperativismo no estado de Goiás. Os artigos assinados são de inteira responsabilidade de seus autores, não correspondendo necessariamente à opinião do Sistema OCB/SESCOOP-GO. Permitida a reprodução total ou parcial dos textos, desde que citada a fonte. Este jornal está disponível em versão eletrônica no site do Sistema OCB/SESCOOPGO: Editorial Um 2011 mais cooperativo para todos nós ANTONIO CHAvAgLIA / Presidente do Sistema OCB/SESCOOP-GO Chegamos ao final de 2010 exaustos, mas esperançosos. O ano que se finda foi carregado para nós, como cooperativistas e como cidadãos brasileiros. Sem separar muito ferreamente uma coisa da outra, para os cooperativistas foi mais um ano de embates institucionais que se arrastam há anos em Brasília. Projetos de reforma de leis que dizem respeito direta ou indiretamente ao cooperativismo que não podemos deixar de acompanhar e atuar diretamente, como a reforma do Código Florestal ou o emaranhado de regulações de órgãos públicos de controle. São embates que só tiveram pausa para as votações que definiram a nova ocupante do Palácio do Planalto, os novos governadores e os novos deputados e senadores, muitos deles, nem tão novos assim, em boa parte das vagas disputadas. A OCB divulgou um mapa eleitoral pós-eleições que mostra que tivemos considerável índice de recondução de parlamentares, para o bem e para o mal. Para o bem, no caso da Frente Parlamentar do Cooperativismo (Frencoop ver à página 8). Nesse momento de balanço, podemos dizer, com boa margem de segurança, que tanto o cooperativismo brasileiro quanto o goiano tem um saldo positivo destas eleições. Mas como já sabemos, de antemão, não basta votar, tem que cobrar de nossos eleitos os compromissos assumidos em campanha. Em Goiás, além de não termos nos furtado ao debate político, cumprimos novamente uma extensa agenda de capacitação do nosso público cooperativista em todos os níveis, do operacional ao gerencial. O planejamento anual do SESCOOP/GO foi, de novo, cumprido de forma exemplar. Tanto os treinamentos, que revigoram o dia a dia de nossas cooperativas, quanto os grandes eventos (como o relatado nas páginas 6 e 7) realizados ao longo do ano figuram na lista de atividades que cumprem uma função cooperativista primordial mas, também, social. Exemplo disso, é a alegria da menina Roberta Damasceno, uma das ganhadoras do Prêmio Nacional de Redação do Cooperjovem (ver a página ao lado). É uma alegria que compartilhamos, de uma certeza do dever cumprido dividida por nossos dirigentes que mais uma vez depositaram seu apoio nas urnas de uma AGE da Casa, conforme mostramos nas páginas 4 e 5 desta edição. Por fim, queremos agradecer a todos que, direta ou indiretamente, contribuíram para que nossa jornada anual se encerrasse agora, mais uma vez, com muitas sementes promissoras semeadas. O Sistema OCB/SESCOOP-GO procura fazer, em sua gestão, aquilo que queremos ver replicado em todas as cooperativas singulares, centrais e federações do setor no estado: o compromisso com os princípios cooperativistas postos a serviço do cooperado e da sociedade. Que tenhamos todos boas festas neste final de 2010 e um 2011 mais cooperativo para todos nós. Boa leitura e saudações cooperativistas. Em Goiás, além de não termos nos furtado ao debate político nas eleições deste ano, cumprimos novamente uma extensa agenda de capacitação do nosso público cooperativista em todos os níveis, do operacional ao gerencial

3 GOIAS COOPERATIVO // NOVEMBRO/DEZEMBRO/ º Prêmio Nacional de Redação do Cooperjovem Aluna de Piracanjuba é uma das vencedoras Roberta Damasceno Chaves estuda no Colégio Municipal Urbano Pedro Guimarães, escola apadrinhada no programa Cooperjovem pela Coapil R oberta Damasceno Chaves, aluna de uma escola rural de Piracanjuba, é uma das vencedoras do 4º Prêmio Nacional de Redação do Programa Cooperjovem, realizado pelo Sescoop. Roberta, que havia completado 14 anos na semana anterior à divulgação do prêmio, ganhou o primeiro lugar na categoria II, destinada a alunos do 6º ao 9º anos do ensino fundamental (antigas 5ª a 8ª séries). A categoria I é para alunos do 4º e 5º ano. Ela é aluna do Colégio Municipal Urbano Pedro Guimarães, escola apadrinhada no Cooperjovem pela Cooperativa Agropecuária Mista de Piracanjuba (Coapil). O prêmio tem como objetivo estimular e fortalecer o conhecimento sobre o cooperativismo utilizando a produção de texto dos alunos que participam do Cooperjovem, o programa do cooperativismo brasileiro que leva lições de cidadania e cooperativismo às salas de aula do ensino fundamental das escolas públicas e cooperativas educacionais do país. O tema da redação deste ano foi Cooperação como elemento transformador de uma sociedade. Roberta Chaves fez a redação toda em verso, numa poesia em que destacou os valores do cooperativismo. Foi um processo demorado, eu escrevia, corrigia, escrevia de novo. Fiquei muito feliz com a notícia [de ter ganhado], não esperava, disse a menina cujo pai, Roberto Miranda Chaves, é cooperado da Coapil. As redações da escola de Piracanjuba foram feitas sob supervisão da professora Marisa Fernandes Gomes. Segundo Vinicius Sebastião, coordenador do Cooperjovem pelo SESCOOP/GO, a TALENTO COOPERATIVISTA Roberta Chaves entre os presidentes da OCB, Marcio Lopes de Freitas (à esq.), e da Coapil, José Lourenço de Castro Filho, durante solenidade de premiação, em Brasília entidade recebeu 42 redações das escolas participantes do programa. Dessas 42, 24 foram da categoria I e 18 da categoria II. As outras vencedoras do prêmio nacional são as alunas Lara Maciel da Silva (de São João do Sul/SC 1º lugar categoria I), Gabriela Aparecida Quintilhano Domingos (Madaguari/PR 2º lugar categoria I) e Suellen da Silva Ribeiro (Amarante/PI 3º lugar categoria I). Na categoria II, Francieli Fernanda Eichinger, de Nova Andradina/MS, ficou em segundo lugar e Érika Maria Andrade Silva, de Pedro II/PI, ficou em terceiro. Em seu pronunciamento na solenidade de premiação, o presidente da OCB e Sescoop, Marcio Lopes de Freitas enfatizou a importância do Cooperjovem para o futuro do cooperativismo brasileiro. Com a continuidade e o aperfeiçoamento do programa Cooperjovem, pretendemos trazer mais crianças para o mundo cooperativista. Assim, teremos, com certeza, cooperativas melhores, comunidades melhores, um Brasil e um mundo melhores, disse na solenidade realizada na sede da OCB, em Brasília. Freitas fez uma homenagem aos representantes das unidades estaduais de Santa Catarina e Goiás, com a entrega de um troféu, respectivamente, a Paulo Von Dokonal, gerente de Cooperativismo do Sescoop/SC, e José Lourenço de Castro Filho, presidente da Cooperativa Agropecuária Mista de Piracanjuba (Coapil). O presidente da Coapil disse que a premiação de Roberta significava muito para a escola e para a cooperativa porque demonstra a seriedade com que o programa é trabalhado pela diretoria e colaboradores da cooperativa e pelos professores da escola. Os prêmios para as duas categorias são um netbook e viagem a Brasília (1º lugar), aparelho de MP6 (2º lugar) e uma bicicleta (3º lugar). Roberta Chaves esteve em Brasília para receber o prêmio, que incluiu visita aos pontos turísticos da capital federal.

4 Democracia Cooperativista LIDERANÇAS Com o Conselho de Administração da OCB-GO, o presidente Antonio Chavaglia (ao centro, de camisa azul) comandou a assembleia Dirigentes aprovam plano de trabalho da OCB-GO para 2011 Entre as atividades programadas está a conclusão da nova sede do Sistema OCB/SESCOOP-GO Reunidos no dia 29 de novembro em Assembleia Geral Extraordinária (AGE), os dirigentes cooperativistas de Goiás aprovaram o planejamento orçamentário da OCB-GO para A assembleia foi realizada na sede do Sistema OCB/SESCOOP-GO, em Goiânia, e reuniu dirigentes de diferentes ramos e regiões do estado. Antes do planejamento orçamentário, a assembleia referendou a nova tabela de contribuição sindical da Confederação Nacional das Cooperativas (CNCOOP), apresentada pela superintendente Valéria Mendes da Silva. Na sequência, foi colocado em discussão o plano orçamentário que prevê a conclusão do novo prédio administrativo anexo à atual sede da OCB-GO. Colocado em votação por escrutínio secreto, o plano foi aprovado pela maioria dos participantes. Na seção informes da assembleia, o presidente da OCB-GO, Antonio Chavaglia, falou das orientações que a Casa vem prestando às cooperativas sobre a convenção coletiva de trabalho celebrada entre a Federação dos Sindicatos das Os dirigentes cooperativistas também referendaram, na assembleia, a nova tabela sindical da CNCOOP Cooperativas do Distrito Federal e dos Estados de Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Tocantins (Fecoop Centro- Oeste Tocantins) e a Federação Nacional dos Trabalhadores Celetistas nas Cooperativas no Brasil (Fenatracoop). A pedido da Assessoria Parlamentar da OCB, Chavaglia solicitou aos dirigentes informações sobre a relação dos deputados federais e senadores eleitos por Goiás com o cooperativismo. As informações serão levadas à coordenação da Frente Parlamentar do Cooperativismo (Frencoop). Ao final, Chavaglia agradeceu aos dirigentes pelo apoio nas atividades realizadas em O apoio dos senhores tem sido fundamental para o trabalho que realizamos em prol das cooperativas. Que todos tenham boas festas com seus familiares neste final de ano e que possamos ter um 2011 de muito sucesso para todos, finalizou o presidente do Sistema OCB/SESCOOP-GO.

5 GOIAS COOPERATIVO // NOVEMBRO/DEZEMBRO/2010 4/5 Nova tabela sindical CNCOOP Durante a AGE da OCB-GO, os dirigentes cooperativistas referendaram a nova tabela de contribuição sindical definida pela Confederação Nacional das Cooperativas (CNCOOP). A CNCOOP teve seu registro sindical aprovado pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) em 16 de novembro. O reconhecimento da categoria econômica das cooperativas em área de abrangência e base territorial nacional veio fortalecer e consolidar o Sistema Confederativo de Representação Sindical das Cooperativas. Atualmente, este sistema é composto por mais de 40 entidades sindicais (entre sindicatos e federações) e, no ápice, pela confederação. A CNCOOP, entidade sindical patronal de 3º grau, pessoa jurídica de direito privado e sem fins lucrativos, é a legítima representante da categoria econômica das cooperativas em todos os seus ramos de atividades. Possui abrangência e base territorial nacional e tem sede na capital federal. É regida pela legislação pertinente e por seu TABELA CONTRIBUIÇÃO SINDICAL OCB-GO FAIXA CLASSE DE CAPITAL SOCIAL - R$ ALÍQUOTA (%) PARCELA A ADICIONAR - R$ 1 0,01 a 7.123,50 Cont. Mínima 56, ,51 a ,00 0, ,01 a ,00 0,20 85, ,01 a ,00 0,10 227, ,01 a ,00 0, , ,01 em diante Cont. Máxima ,35 estatuto social, tendo como objetivo representar os interesses gerais da categoria econômica das cooperativas e de seus filiados no âmbito administrativo, extrajudicial e judicial. A confederação foi constituída por três federações interestaduais: a Federação dos Sindicatos e Organizações das Cooperativas dos Estados da Região Nordeste (Fecoop/NE); Federação dos Sindicatos das Cooperativas dos Estados de Alagoas, Bahia, Espírito Santo, Minas Base 94, Gerais e Santa Catarina (Fecoop Sulene) e a Federação dos Sindicatos das Cooperativas do Distrito Federal e dos Estados de Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Tocantins (Fecoop Centro-Oeste e Tocantins). A nova tabela referendada na AGE da OCB-GO atualiza os valores a serem recolhidos pelas cooperativas até 31 de janeiro de 2011, conforme o que dispõe os artigos 578 a 580 e 587 da CLT. (Confira a tabela acima) AGE EM IMAGENS NA URNA Valdi Marques de Sousa, presidente do Sicoob Servcred, deposita seu voto durante AGE 2- ESCRUTÍNIO Comissão prepara votação do Plano de Atividades da OCB-GO 3- ATENTOS Dirigentes acompanham explanação do Plano de Atividades da OCB-GO para

6 GOIAS COOPERATIVO // NOVEMBRO/DEZEMBRO/ º Encontro Goiano de Mulheres Cooperativistas Sensibilidade e intercooperação Evento reuniu 200 mulheres cooperativistas de diferentes ramos e regiões de Goiás e incentivou a integração e troca de experiências A s 200 mulheres que participaram do 5º Encontro Goiano de Mulheres Cooperativistas deixaram o evento destacando a importância do encontro para a promoção da intercooperação. Promovido pelo Sistema OCB/SESCOOP-GO, em Caldas Novas, de 26 a 28 de outubro, o evento teve como tema principal O Despertar da Mulher Cooperativista e buscou reforçar valores cooperativistas incentivando maior participação das mulheres nos processos decisórios das cooperativas. O encontro foi realizado no hotel Best Western Le Jardin. Diferenças regionais e dos ramos a que cada participante é ligada estimulou a troca de experiências, tanto durante a programação quanto nos intervalos, afirmaram muitas das participantes. Na abertura, o presidente do Sistema OCB/SESCOOP-GO, Antonio Chavaglia, destacou a importância das mulheres no desenvolvimento das cooperativas e o trabalho de capacitação que o SESCOOP/GO realiza para elas. Esperamos que vocês tenham boa estadia aqui durante o evento e que saiam daqui melhores do ponto de vista pessoal e profissional, no sentido de aprimorar o trabalho que vocês desenvolvem no dia a dia em suas cooperativas, disse Chavaglia. Também participaram da mesa de abertura do evento o presidente da Cooperativa Mista dos Produtores de Leite de Morrinhos (Complem), Joaquim Guilherme Barbosa de Souza, Fabio Batista Veloso (conselheiro da OCB-GO) e Arnaldo Nunes Bonfim, presidente da Cooperativa Agropecuária de Aurilândia (Capal). Na programação, as mulheres assistiram a palestras do consultor José da Paz Cury (em dois momentos) com os temas O VALORES COOPERATIVISTAS O palestrante José da Paz Cury estimulou a reflexão das mulheres sobre a participação ativa delas no desenvolvimento das cooperativas

7 CIRCUITO MULHER Mini-palestras, como as sobre sexualidade & saúde e automaquiagem, aliaram descontração e informação sobre o universo feminino O que elas acharam Poder da Mulher e A Proatividade como Fator de Sucesso e o Papel da Mulher Cooperativista. Cury também coordenou uma oficina motivacional com o tema Consciência Solidária. Outro destaque da programação foi o ciclo de mini-palestras e oficinas com temas ligados ao universo feminino, como sexualidade e saúde, nutrição, dicas gastronômicas e automaquiagem. A decoração do espaço, que abrigou as atividades do evento, chamou tanto a atenção das participantes que muitas não perderam a oportunidade de acompanhar uma demonstração de decoração de mesa com frutas e legumes dada por um dos cozinheiros do hotel. É a primeira vez que venho e me surpreendi. O formato do evento é bom, as palestras foram muito boas, o Cury [José da Paz, palestrante] é um showman e trouxe reflexões e novos conceitos. Gostei também do Circuito Mulher. Eventos como este é que nos ajudam a desenvolver a intercooperação MARTA DE SOUZA DIAS FERNANDES, gerente comercial da Unimed Cerrado. É a segunda vez que participo, achei bem organizado, com palestras que nos ensinaram sob o aspecto do cooperativismo e também de cunho pessoal. Do Circuito Mulher, o que achei mais interessante foi a palestra sobre culinária e nutrição. Pretendo voltar sempre que puder MARIA TERESA DE MORAIS, produtora rural cooperada da Coopersil, de Silvânia. É a primeira vez que participo. Foi nota 10, gostei muito das palestras e o Circuito Mulher superou minhas expectativas também. Acho que o evento como um todo contribuiu muito com nosso crescimento individual e coletivo Achei muito bom, foi muito rico. As palestras que vimos aqui nos enriquecem em todos os sentidos, tanto do lado pessoal quanto profissional. É a segunda vez que venho porque acho importante alimentarmos a ideia de que é o cooperativismo que vai fazer o progresso do produtor rural Gostei muito do Circuito Mulher, acho que palestras como a sobre sexualidade e saúde nos ensinam a nos conhecer melhor e a nos prevenir. É a primeira vez que venho e achei bom no geral LUCIANA DE FÁTIMA BERIGO LEÃO VENTURA, cooperada do Sicoob Credirural em Montividiu DARSE ROSSI, produtora rural cooperada da Complem, em Morrinhos ETELVINA VILELA REZENDE, cooperada da Comigo em Caiapônia.

8 GOIAS COOPERATIVO // NOVEMBRO/DEZEMBRO/ GIRO COOPERATIVO OCB divulga panorama político pós-eleitoral A Assessoria Parlamentar da OCB divulgou em novembro uma publicação que traz um raio-x da política brasileira dado pelas urnas nas eleições de outubro. A pesquisa editada em 100 páginas começou a ser elaborada no primeiro turno e traz os números oficiais apurados nos dois turnos e um resumo dos candidatos vencedores nas eleições majoritárias (presidente e governador). A lista completa dos deputados federais e senadores eleitos por cada estado e suas respectivas votações também estão elencadas na publicação. A Frente Parlamentar do Cooperativismo (Frencoop) ganhou um capítulo especial com a lista completa de seus integrantes, quem conseguiu ou não se reeleger (porcentagem de permanência) para novo mandato e as doações feitas pelas cooperativas aos candidatos. O levantamento mostra que na Câmara dos Deputados, a porcentagem de permanência dos deputados da Frencoop foi de 61,3%, enquanto que no Senado o índice ficou em 44% (lembrando que apenas 54 das 81 vagas no Senado estiveram em disputa nas eleições deste ano). Segundo Tânia Zanella, da Assessoria Parlamentar da OCB, os índices são melhores do que as taxas de permanência apuradas para a totalidade de parlamentares do Congresso Nacional, que ficou em 51, 60% (o geral da Frencoop foi de 59,60%). A publicação pode ser acessada pelo site (seção Download/ Documentos sob o título Panorama Político Pós-eleições Convenção coletiva de trabalho homologada O Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) homologou no dia 16 de novembro a convenção coletiva de trabalho firmada entre a Federação dos Sindicatos das Cooperativas do Distrito Federal e dos Estados de Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Tocantins (Fecoop Centro-Oeste Tocantins) e a Federação Nacional dos Trabalhadores Celetistas nas Cooperativas no Brasil (Fenatracoop). A convenção foi homologada sob o nº SRT00314/2010 enquanto que o aditivo de Goiás no acordo está sob o nº GO000609/2010 (cada estado representado no acordo possui seu número próprio de aditivo). A íntegra da convenção coletiva pode ser acessada no site (seção Download/Documentos) Quem coopera tem sempre um motivo a mais para acreditarnum futuro sustentável. Que 2011 seja mais um período de sucesso para os projetos de sua cooperativa. Feliz Natal e Próspero Ano Novo! São os votos do Conselho de Administração do Sistema OCB/SESCOOP-GO

Professor Fernando Rosa, de Piracanjuba, entre os vencedores 3 PRÊMIO COOPERJOVEM ANO V Nº 36 NOVEMBRO/DEZEMBRO 2011

Professor Fernando Rosa, de Piracanjuba, entre os vencedores 3 PRÊMIO COOPERJOVEM ANO V Nº 36 NOVEMBRO/DEZEMBRO 2011 PRÊMIO COOPERJOVEM Professor Fernando Rosa, de Piracanjuba, entre os vencedores 3 Jornal do Sistema OCB/SESCOOP-GO www.ocbgo.org.br ANO V Nº 36 NOVEMBRO/DEZEMBRO 2011 APROVADO PLANO DE TRABALHO DO COOPERATIVISMO

Leia mais

COOPERATIVISMO DE BASE TECNOLÓGICA E INTEGRADA

COOPERATIVISMO DE BASE TECNOLÓGICA E INTEGRADA SESCOOP/GO Uma década capacitando o cooperativismo de Goiás PÁGINA 3 Ano 4, nº 21, MAIO/JUNHO - 2009 Jornal do Sistema OCB/SESCOOP-GO A Casa do Cooperativismo COOPERATIVISMO DE BASE TECNOLÓGICA E INTEGRADA

Leia mais

OCB-GO discutiu com Seagro investimentos do projeto Goiás-China 3. Jornal do Sistema OCB/SESCOOP-GO

OCB-GO discutiu com Seagro investimentos do projeto Goiás-China 3. Jornal do Sistema OCB/SESCOOP-GO ESTRATÉGIA OCB-GO discutiu com Seagro investimentos do projeto Goiás-China 3 www.ocbgo.org.br Jornal do Sistema OCB/SESCOOP-GO ANO V Nº 33 MAIO/JUNHO 2011 INA UG UR AÇÃO E P OSSE CASA NOVA, NOVA DIRETORIA

Leia mais

Sistema AG subsidia prestação de contas das cooperativas 7. Investimento das cooperativas foi de R$ 49 milhões 6 GESTÃO COOPERATIVISTA

Sistema AG subsidia prestação de contas das cooperativas 7. Investimento das cooperativas foi de R$ 49 milhões 6 GESTÃO COOPERATIVISTA GESTÃO COOPERATIVISTA Sistema AG subsidia prestação de contas das cooperativas 7 www.ocbgo.org.br Jornal do Sistema OCB/SESCOOP-GO ANO V Nº 32 MARÇO/ABRIL 2011 DIRIGENTES APROVAM CONTAS E ELEGEM NOVO CONSELHO

Leia mais

Mais SESCOOP/GO RAMO SAÚDE NA LUTA POR REVISÃO DO ROL DA ANS. 7 COOPERMODEL CRESCE A PARTIR DE RIO VERDE. 3 4/5

Mais SESCOOP/GO RAMO SAÚDE NA LUTA POR REVISÃO DO ROL DA ANS. 7 COOPERMODEL CRESCE A PARTIR DE RIO VERDE. 3 4/5 2008 será um ano movimentado na agenda do cooperativismo goiano. Confira PÁGINA 8 Ano 3, nº 13, Janeiro/Fevereiro/2008 Jornal do Sistema OCB/SESCOOP GO Mais SESCOOP/GO SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM

Leia mais

goiás cooperativo Dirigentes aprovam contas e plano de trabalho 2013 PRESTAÇÃO DE CONTAS DE 2012

goiás cooperativo Dirigentes aprovam contas e plano de trabalho 2013 PRESTAÇÃO DE CONTAS DE 2012 Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo no Estado de Goiás capacite-se SESCOOP/GO lança agenda anual de treinamento e desenvolvimento. 3 goiás Ano VII 44 Março-Abril de 2013 TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO

Leia mais

Jornal do Sistema OCB/SESCOOP-GO QUALIFICAÇÃO COOPERATIVISTA SESCOOP/GO

Jornal do Sistema OCB/SESCOOP-GO QUALIFICAÇÃO COOPERATIVISTA SESCOOP/GO CASA NOVA Sistema OCB/SESCOOP-GO inaugura nova sede em abril 3 Jornal do Sistema OCB/SESCOOP-GO ANO V Nº 31 JANEIRO/FEVEREIRO/2011 QUALIFICAÇÃO COOPERATIVISTA www.ocbgo.org.br SESCOOP/GO Entidade reafirma

Leia mais

Informativo trimestral da Cooperativa dos Pediatras do Ceará Cooped empauta Especial Aleitamento Materno Ano 2 Edição 04 Julho, Agosto e Setembro 2014 Fórum do Pediatra firma compromisso de valorização

Leia mais

Presidente: Haroldo Max de Sousa

Presidente: Haroldo Max de Sousa CENTROLEITE: Fone comercial: (62) 3281-4999 Email: presidente@centroleite.com.br OCB-GO: Fone comercial: (62) 3240-2610 Email: presidente@ocbgo.org.br Presidente: Haroldo Max de Sousa FAZENDA TAMBO Município:

Leia mais

CENSO DO COOPERATIVISMO GOIANO. SESCOOP/GO reuniu secretárias de cooperativas em 1º Encontro

CENSO DO COOPERATIVISMO GOIANO. SESCOOP/GO reuniu secretárias de cooperativas em 1º Encontro SESCOOP/GO reuniu secretárias de em 1º Encontro www.ocbgo.org.br CAPACITAÇÃO 8 2012 Ano Internacional das Cooperativas Jornal do Sistema ANO VI Nº 40 JULHO/AGOSTO 2012 CENSO DO COOPERATIVISMO GOIANO Mais

Leia mais

5º PRÊMIO NACIONAL DE REDAÇÃO DO PROGRAMA COOPERJOVEM EDIÇÃO 2011 R E G U L A M E N T O

5º PRÊMIO NACIONAL DE REDAÇÃO DO PROGRAMA COOPERJOVEM EDIÇÃO 2011 R E G U L A M E N T O 5º PRÊMIO NACIONAL DE REDAÇÃO DO PROGRAMA COOPERJOVEM EDIÇÃO 2011 R E G U L A M E N T O ÍNDICE APRESENTAÇÃO... 3 OBJETIVO... 3 COMISSÃO NACIONAL ORGANIZADORA DO PRÊMIO... 3 CATEGORIAS E TEMAS... 3 PARCERIA...

Leia mais

Janeiro / 2014. Organização das Cooperativas Brasileiras. www.brasilcooperativo.coop.br

Janeiro / 2014. Organização das Cooperativas Brasileiras. www.brasilcooperativo.coop.br Janeiro / 2014 Organização das Cooperativas Brasileiras www.brasilcooperativo.coop.br Números em destaque 900 mil 34 77 É o número de associados ligados a cooperativas do ramo Infraestrutura que serão

Leia mais

ASSEITE-MT Associação das Empresas de Informática e Telecomunicações de Mato Grosso

ASSEITE-MT Associação das Empresas de Informática e Telecomunicações de Mato Grosso ESTATUTO SOCIAL DA ASSEITE-MT Data de Fundação: 12 de agosto de 1985. ÍNDICE GERAL Capítulo I - Identidade Social... 03 Capítulo II Objetivos... 03 Capítulo III Associados... 04 Capítulo IV Rendas... 07

Leia mais

SINDICATO E ORGANIZAÇÃO DAS COOPERATIVAS NO ESTADO DO TOCANTINS OCB/TO

SINDICATO E ORGANIZAÇÃO DAS COOPERATIVAS NO ESTADO DO TOCANTINS OCB/TO SINDICATO E ORGANIZAÇÃO DAS COOPERATIVAS NO ESTADO DO TOCANTINS OCB/TO A OCB/TO é formada por cooperativas singulares, federações e centrais de todos os ramos. Pela Lei 5.764/71, ainda em vigor, todas

Leia mais

2010 BALANÇO SOCIOAMBIENTAL SINDICATO E ORGANIZAÇÃO DAS COOPERATIVAS BRASILEIRAS NO ESTADO DE GOIÁS

2010 BALANÇO SOCIOAMBIENTAL SINDICATO E ORGANIZAÇÃO DAS COOPERATIVAS BRASILEIRAS NO ESTADO DE GOIÁS SINDICATO E ORGANIZAÇÃO DAS COOPERATIVAS BRASILEIRAS NO ESTADO DE GOIÁS SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM DO COOPERATIVISMO NO ESTADO DE GOIÁS 2010 BALANÇO SOCIOAMBIENTAL "Sustentabilidade é o ponto de

Leia mais

COMO CRIAR UMA PROCURADORIA ESPECIAL DA MULHER EM ESTADOS E MUNICÍPIOS

COMO CRIAR UMA PROCURADORIA ESPECIAL DA MULHER EM ESTADOS E MUNICÍPIOS Câmara dos Deputados COMO CRIAR UMA PROCURADORIA ESPECIAL DA MULHER EM ESTADOS E MUNICÍPIOS Brasília 2012 Como criar uma procuradoria especial da mulher em estados e municípios Mesa da Câmara dos Deputados

Leia mais

I- TENS ORGANIZACIONAIS

I- TENS ORGANIZACIONAIS I- TENS ORGANIZACIONAIS 1.1 JORNADA TRABALHO - A jornada de trabalho dos empregados das Cooperativas crédito será de 40 horas (quarenta horas) semanais. 1.2 Jornada Semanal de Trabalho Todas as horas prestadas

Leia mais

Unindo esforços. Márcio Lopes Presidente do Sistema OCB fala sobre os desafios do setor

Unindo esforços. Márcio Lopes Presidente do Sistema OCB fala sobre os desafios do setor Márcio Lopes Presidente do Sistema OCB fala sobre os desafios do setor Revista do Sistema OCB/SESCOOP-GO Ano 1 -nº 2 maio/junho-2014 Unindo esforços para fazer o bem No Dia C, que acontecerá em 6 de setembro,

Leia mais

3º Congresso Estadual da UGT-PARANÁ Programação e Regimento Interno

3º Congresso Estadual da UGT-PARANÁ Programação e Regimento Interno 3º Congresso Estadual da UGT-PARANÁ Programação e Regimento Interno Dias 27 e 28 de abril de 2015 Local: Colônia de Férias da FECEP Federação dos Empregados no Comércio do Estado do Paraná, localizada

Leia mais

O que é o Fundo Garantidor do Cooperativismo de Crédito (FGCoop)?

O que é o Fundo Garantidor do Cooperativismo de Crédito (FGCoop)? Perguntas frequentes A fim de subsidiar os analistas e técnicos do setor cooperativista de crédito brasileiro e informar a população em geral, reunimos, abaixo, algumas perguntas, com suas respostas, sobre

Leia mais

COOPERATIVISMO FORTALECIMENTO DO. Entrevista Celso Ramos Regis - Presidente da FECOOP CO-TO 1º COOCENSO 2º COOMUNICA

COOPERATIVISMO FORTALECIMENTO DO. Entrevista Celso Ramos Regis - Presidente da FECOOP CO-TO 1º COOCENSO 2º COOMUNICA Entrevista Celso Ramos Regis - Presidente da FECOOP CO-TO Revista do Sistema OCB/SESCOOP-GO Ano 2 - nº 8 agosto/setembro-2015 FORTALECIMENTO DO COOPERATIVISMO 1º COOCENSO Dirigentes e técnicos de cooperativas

Leia mais

informativogdfaz Teresina sedia 49ªGDFAZ

informativogdfaz Teresina sedia 49ªGDFAZ informativogdfaz Teresina sedia 49ªGDFAZ A 49ª Reunião do Grupo de Desenvolvimento do Servidor Fazendário (GDFAZ) aglomerou em Teresina representantes das Secretarias de Fazendas dos Estados brasileiros

Leia mais

Confira a autenticidade no endereço http://www3.mte.gov.br/sistemas/mediador/.

Confira a autenticidade no endereço http://www3.mte.gov.br/sistemas/mediador/. CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: GO000599/2015 DATA DE REGISTRO NO MTE: 23/07/2015 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR044135/2015 NÚMERO DO PROCESSO: 46208.008883/2015-65 DATA

Leia mais

PLEBISCITO POPULAR. Por uma Constituinte Exclusiva Soberana do Sistema Político MANUAL DE ORGANIZAÇÃO DA VOTAÇÃO

PLEBISCITO POPULAR. Por uma Constituinte Exclusiva Soberana do Sistema Político MANUAL DE ORGANIZAÇÃO DA VOTAÇÃO PLEBISCITO POPULAR Por uma Constituinte Exclusiva Soberana do Sistema Político MANUAL DE ORGANIZAÇÃO DA VOTAÇÃO 01 a 07 de Setembro de 2014 O presente manual contém todas as orientações para os procedimentos

Leia mais

Principais números do mês 82,2% das notícias foram neutras; e 17,8% positivas. Análise Qualitativa

Principais números do mês 82,2% das notícias foram neutras; e 17,8% positivas. Análise Qualitativa Abril de 20 2 R e l a t ó r i o A n a l í t i c o d e R e t o r n o d e M í d i a e P ú b l i c o Principais números do mês 82,2% das notícias foram neutras; e 7,8% positivas. R$ 76 mil em retorno de mídia

Leia mais

PARTICIPAÇÃO DE SETORES POPULARES E DA SOCIEDADE CIVIL NO PROCESSO LEGISLATIVO ORÇAMENTÁRIO FEDERAL

PARTICIPAÇÃO DE SETORES POPULARES E DA SOCIEDADE CIVIL NO PROCESSO LEGISLATIVO ORÇAMENTÁRIO FEDERAL LUIZ FENELON PIMENTEL BARBOSA PARTICIPAÇÃO DE SETORES POPULARES E DA SOCIEDADE CIVIL NO PROCESSO LEGISLATIVO ORÇAMENTÁRIO FEDERAL Projeto de pesquisa apresentado ao Programa de Pós-Graduação do Cefor como

Leia mais

ATA DA 40ª REUNIÃO PLENÁRIA ORDINÁRIA DO CONSELHO NACIONAL DE ARQUIVOS CONARQ

ATA DA 40ª REUNIÃO PLENÁRIA ORDINÁRIA DO CONSELHO NACIONAL DE ARQUIVOS CONARQ Conselho Nacional de Arquivos CONARQ ATA DA 40ª REUNIÃO PLENÁRIA ORDINÁRIA DO CONSELHO NACIONAL DE ARQUIVOS CONARQ 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 Aos seis dias do

Leia mais

Sincades e Instituto Sincades lançam Programa Sincades de Produtividade PSP P03

Sincades e Instituto Sincades lançam Programa Sincades de Produtividade PSP P03 Sincades e Instituto Sincades lançam Programa Sincades de Produtividade PSP P03 Prêmio Distribuidor Destaque P03 JAN FEV MAR ABR MAI JUN JUL AGO SET OUT NOV DEZ 12 ANO IV / 2012 Uma Revista do Setor Atacadista

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DO CAMPUS VIRTUAL DE SEGURANÇA PÚBLICA DO ESTADO DO CEARÁ

REGULAMENTO GERAL DO CAMPUS VIRTUAL DE SEGURANÇA PÚBLICA DO ESTADO DO CEARÁ REGULAMENTO GERAL DO CAMPUS VIRTUAL DE SEGURANÇA PÚBLICA DO ESTADO DO CEARÁ TÍTULO I DA FINALIDADE E DA COMPETÊNCIA DO CAMPUS VIRTUAL DE SEGURANÇA PÚBLICA DO ESTADO DO CEARÁ CVSP Art. 1º O Campus Virtual

Leia mais

Ata de Assembléia Geral Extraordinária de Aprovação dos Estatutos do Comitê Nacional dos Editores de Publicações Leonísticas - CNE

Ata de Assembléia Geral Extraordinária de Aprovação dos Estatutos do Comitê Nacional dos Editores de Publicações Leonísticas - CNE Comitê Nacional dos Editores de Publicações Leonísticas CNE Pág. 1/6 Ata de Assembléia Geral Extraordinária de Aprovação dos Estatutos do Comitê Nacional dos Editores de Publicações Leonísticas - CNE Aos

Leia mais

a) DIRETOR SEGUNDO VICE-PRESIDENTE PARA O ANO DE 2016 (INSCRIÇÃO ATÉ O DIA 05/08/2015), e,

a) DIRETOR SEGUNDO VICE-PRESIDENTE PARA O ANO DE 2016 (INSCRIÇÃO ATÉ O DIA 05/08/2015), e, EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA O PROCESSO ELEITORAL DA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE OTORRINOLARINGOLOGIA E CIRURGIA CÉRVICO FACIAL - 2015 A ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE OTORRINOLARINGOLOGIA E CIRURGIA CÉRVICO- FACIAL

Leia mais

Estatuto da Associação dos Oficiais da Polícia Militar da Bahia TÍTULO I DA ASSOCIAÇÄO E SEUS PROPÓSITOS

Estatuto da Associação dos Oficiais da Polícia Militar da Bahia TÍTULO I DA ASSOCIAÇÄO E SEUS PROPÓSITOS Estatuto da Associação dos Oficiais da Polícia Militar da Bahia TÍTULO I DA ASSOCIAÇÄO E SEUS PROPÓSITOS Capítulo I Da Constituição, Denominação, Finalidade e Sede Art. 1º. A Associação dos Oficiais da

Leia mais

Turma de Costura Industrial apresentará moda sustentável com roupas confeccionadas em papel

Turma de Costura Industrial apresentará moda sustentável com roupas confeccionadas em papel SENAI Turma de Costura Industrial apresentará moda sustentável com roupas confeccionadas em papel papel foi a matéria-prima escolhida para compor os modelos O que vão estar na passarela do desfile de encerramento

Leia mais

Maio 2015 CURSOS, PALESTRAS E EVENTOS PARTICIPANTES ATENDIMENTOS POR RAMOS COOPERATIVAS ATENDIDAS

Maio 2015 CURSOS, PALESTRAS E EVENTOS PARTICIPANTES ATENDIMENTOS POR RAMOS COOPERATIVAS ATENDIDAS Maio 2015 CURSOS, PALESTRAS E EVENTOS 23 PARTICIPANTES 450 ATENDIMENTOS POR RAMOS 10 5 1 35 1 1 14 3 1 9 6 COOPERATIVAS ATENDIDAS 81 Curso Excelência no Atendimento ao Cliente 30 de MAIO O setor de Formação

Leia mais

ESTATUTO SOCIAL CAPÍTULO I - DA DENOMINAÇÃO, TEMPO DE DURAÇÃO, SEDE E FINS DA ASSOCIAÇÃO:

ESTATUTO SOCIAL CAPÍTULO I - DA DENOMINAÇÃO, TEMPO DE DURAÇÃO, SEDE E FINS DA ASSOCIAÇÃO: ESTATUTO SOCIAL CAPÍTULO I - DA DENOMINAÇÃO, TEMPO DE DURAÇÃO, SEDE E FINS DA ASSOCIAÇÃO: Art. 01º - A Associação de Promoção à Assistência Social, Educacional e de Desenvolvimento Econômico de Goiás,

Leia mais

Gestão Financeira de Entidades Sindicais

Gestão Financeira de Entidades Sindicais Gestão Financeira de Entidades Sindicais Constituição Federal Art. 150. Sem prejuízo de outras garantias asseguradas ao contribuinte, é vedado à União, aos Estados, ao Distrito Federal e aos Municípios:

Leia mais

NOTA TÉCNICA. Goiânia, outubro de 2014. Coordenada pelo Analista/ Pesquisador Legislativo Hernesto Lins P. Carneiro, Presidente da AALEGO.

NOTA TÉCNICA. Goiânia, outubro de 2014. Coordenada pelo Analista/ Pesquisador Legislativo Hernesto Lins P. Carneiro, Presidente da AALEGO. NOTA TÉCNICA O vencimento-base do cargo de Analista Legislativo da Alego nos contextos nacional e local: uma análise comparativa entre os cargos de Analista, Assistente e Procurador Coordenada pelo Analista/

Leia mais

PREFÁCIO Notas Iniciais

PREFÁCIO Notas Iniciais Planejamento e Organização Governança AONDE ESTÁ? (Diagnóstico) AONDE QUER IR? (Destino) AONDE ESTAMOS Evolução da Participação no SFN Em % REGIÕES PARTICIPAÇÃO NO SFN CRÉDITOS DEPÓSITOS dez/11 dez/12

Leia mais

ESTATUTO DAS LIGAS ACADÊMICAS Diretoria de Extensão e Assuntos Comunitários

ESTATUTO DAS LIGAS ACADÊMICAS Diretoria de Extensão e Assuntos Comunitários ESTATUTO DA LIGA ACADÊMICA DE CITOLOGIA CLÍNICA Capítulo I Da Natureza e Finalidade Art. 1º. A Liga de Citologia Clínica é uma entidade sem fins lucrativos, com duração ilimitada, sob a supervisão da da

Leia mais

Curso Resolução 456 Capacitação dos Taxistas. 06, 13, 20 e 27 de DEZEMBRO. Cooperando com o Futuro proporciona um Natal especial para crianças

Curso Resolução 456 Capacitação dos Taxistas. 06, 13, 20 e 27 de DEZEMBRO. Cooperando com o Futuro proporciona um Natal especial para crianças Curso Resolução 456 Capacitação dos Taxistas 06, 13, 20 e 27 de DEZEMBRO O setor de Formação Profissional do Sescoop-RJ encerrou mais uma turma de capacitação da Resolução 456. Participaram ao todo 67

Leia mais

ESCOLA ESTADUAL DE ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO FREI OTHMAR Trav. Prof. José Agostinho, s/n. Santíssimo CEP 68010-230 - Santarém - Pará

ESCOLA ESTADUAL DE ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO FREI OTHMAR Trav. Prof. José Agostinho, s/n. Santíssimo CEP 68010-230 - Santarém - Pará ESCOLA ESTADUAL DE ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO FREI OTHMAR Trav. Prof. José Agostinho, s/n. Santíssimo CEP 68010-230 - Santarém - Pará REGIMENTO ELEITORAL PARA ESCOLHA DE DIRETORIA DO GRÊMIO ESDANTIL DA

Leia mais

Objetivos. Como conduzir meu voto de maneira consciente? Como funciona o cenário político?

Objetivos. Como conduzir meu voto de maneira consciente? Como funciona o cenário político? Objetivos Como conduzir meu voto de maneira consciente? Como funciona o cenário político? Como desenvolver a consciência de que fazemos parte do sistema político? 1. O que eu tenho a ver com isso? O que

Leia mais

TERAPIA OCUPACIONAL A TRAJETÓRIA DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO NA SAÚDE. Brasília DF Abril 2006

TERAPIA OCUPACIONAL A TRAJETÓRIA DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO NA SAÚDE. Brasília DF Abril 2006 14 A TRAJETÓRIA DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO NA SAÚDE TERAPIA OCUPACIONAL Brasília DF Abril 2006 PRESIDENTE DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL Luiz Inácio Lula da Silva MINISTRO DA EDUCAÇÃO Fernando Haddad MINISTRO

Leia mais

RELATÓRIO DE GESTÃO E PRESTAÇÃO DE CONTAS

RELATÓRIO DE GESTÃO E PRESTAÇÃO DE CONTAS SICOOB JURISCRED - COOPERATIVA DE CRÉDITO DOS MAGISTRADOS E SERVIDORES DA JUSTIÇA DO ESTADO DE GOIÁS LTDA. RELATÓRIO DE GESTÃO E PRESTAÇÃO DE CONTAS [29] [RUA 72, ESQUINA BR-153, Nº234, JARDIM GOIÁS, GOIÂNIA-

Leia mais

Ministério do Trabalho assina portaria que reconhece categoria da agricultura familiar

Ministério do Trabalho assina portaria que reconhece categoria da agricultura familiar Porto Alegre. 21 de maio de 2015. Edição 008 Ministério do Trabalho assina portaria que reconhece categoria da agricultura familiar Dia 20 de maio de 2015 vai ficar marcado de maneira muito positiva para

Leia mais

Informativo da Cooperativa de Economia e Crédito Mútuo dos Trabalhadores da Vale Edição 74 Março/2012

Informativo da Cooperativa de Economia e Crédito Mútuo dos Trabalhadores da Vale Edição 74 Março/2012 Informativo da Cooperativa de Economia e Crédito Mútuo dos Trabalhadores da Vale Edição 74 Março/2012 [ página 3 ] Boas notícias para comemorar [ página 2 ] Taxas reduzidas para os cooperados [ página

Leia mais

METODOLOGIA DE ENSINO A DISTÂNCIA

METODOLOGIA DE ENSINO A DISTÂNCIA METODOLOGIA DE ENSINO A DISTÂNCIA 01 APRESENTAÇÃO Cada vez mais o mercado de trabalho na área de secretariado está competitivo e exigente. Para manter seu diferencial os empregadores estão observando,

Leia mais

JORNAL. Fundação Atlântico: 10 anos de realizações e dedicação aos Participantes e Assistidos. 2 a 7

JORNAL. Fundação Atlântico: 10 anos de realizações e dedicação aos Participantes e Assistidos. 2 a 7 n o 31 ano X 2 o quadrimestre de 2014 Uma Publicação da Fundação Atlântico de Seguridade Social Fundação Atlântico: 10 anos de realizações e dedicação aos Participantes e Assistidos 2 a 7 Renda+ Programa

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA SECRETARIA DA SAÚDE DO ESTADO DA BAHIA SUPERINTENDÊNCIA DE ATENÇÃO INTEGRAL À SAÚDE DIRETORIA DE ATENÇÃO BÁSICA

GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA SECRETARIA DA SAÚDE DO ESTADO DA BAHIA SUPERINTENDÊNCIA DE ATENÇÃO INTEGRAL À SAÚDE DIRETORIA DE ATENÇÃO BÁSICA GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA SECRETARIA DA SAÚDE DO ESTADO DA BAHIA SUPERINTENDÊNCIA DE ATENÇÃO INTEGRAL À SAÚDE DIRETORIA DE ATENÇÃO BÁSICA ORIENTAÇÕES BÁSICAS À GESTÃO MUNICIPAL: ORGANIZAÇÃO DA CONFÊRENCIA

Leia mais

FACULDADE PALOTINA DE SANTA MARIA ESTATUTO DO DIRETÓRIO ACADÊMICO DE ADMINISTRAÇÃO DA FAPAS. TÍTULO I Da Entidade

FACULDADE PALOTINA DE SANTA MARIA ESTATUTO DO DIRETÓRIO ACADÊMICO DE ADMINISTRAÇÃO DA FAPAS. TÍTULO I Da Entidade FACULDADE PALOTINA DE SANTA MARIA ESTATUTO DO DIRETÓRIO ACADÊMICO DE ADMINISTRAÇÃO DA FAPAS TÍTULO I Da Entidade Artigo 1º - O Diretório Acadêmico de Administração da Faculdade Palotina de Santa Maria,

Leia mais

CONSELHO MUNICIPAL DE CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO REGIMENTO INTERNO

CONSELHO MUNICIPAL DE CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO REGIMENTO INTERNO REGIMENTO INTERNO Conselho Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação CAPÍTULO I Disposições Gerais Artigo 1º O Conselho Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação (CMCTI/Campinas), criado pela Lei Municipal

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR035902/2013 SINDICATO DOS TRABALHADORES EM TRANSP RODOV NO EST GO, CNPJ n. 01.089.689/0001-35, neste ato representado(a) por seu Presidente,

Leia mais

ESTATUTO CONSOLIDADO FUNDAÇÃO DE ENSINO SUPERIOR DE PASSOS* Capítulo I Da denominação, sede, fins e duração.

ESTATUTO CONSOLIDADO FUNDAÇÃO DE ENSINO SUPERIOR DE PASSOS* Capítulo I Da denominação, sede, fins e duração. ESTATUTO CONSOLIDADO FUNDAÇÃO DE ENSINO SUPERIOR DE PASSOS* Capítulo I Da denominação, sede, fins e duração. Art. 1º - A Fundação de Ensino Superior de Passos, sucessora da Fundação Faculdade de Filosofia

Leia mais

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria FRUTAL Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE -

Instituto de Desenvolvimento da Fruticultura e Agroindústria FRUTAL Av. Barão de Studart, 2360 - Sala 1305 - PABX: (85) 3246.8126 - Fortaleza-CE - Regulamento Troféu Mérito da Fruticultura Cearense 2006 1. REGULAMENTO 1.1 PARTICIPAÇÃO: Poderão concorrer nas categorias: INSTITUIÇÃO, POLÍTICO, PRODUTOR E ORGANIZAÇÃO DE PRODUTORES, empresas e instituições,

Leia mais

Estado de Alagoas Conselho Municipal de Assistência Social Campo Alegre AL

Estado de Alagoas Conselho Municipal de Assistência Social Campo Alegre AL Estado de Alagoas Conselho Municipal de Assistência Social Campo Alegre AL RESOLUÇÃO Nº 001/2016 O Conselho Municipal de Assistência Social, no uso de suas atribuições que lhe confere a lei 318/97, reunido

Leia mais

Trabalho que dá resultado!

Trabalho que dá resultado! BOLETIM INFORMATIVO Trabalho que dá resultado! Foto: Edson Lopes Jr. Meu compromisso é com a população, trabalhando para trazer recursos às nossas cidades e investimentos nos serviços essenciais ao ser

Leia mais

Sitrovel realiza amistoso entre empresas

Sitrovel realiza amistoso entre empresas Sitrovel realiza amistoso entre empresas Desta vez foram os trabalhadores das empresas Engelétrica Ambiental e Agremix (Página 7) Ano inicia com intensas atividades sindicais Leia no Editorial (Página

Leia mais

SINCADES EM REVISTA. Sincades firma parceria com a Sejus no 2º Encontro de Amigos Sincades. União é tricampeã da Copa Sincades 2012

SINCADES EM REVISTA. Sincades firma parceria com a Sejus no 2º Encontro de Amigos Sincades. União é tricampeã da Copa Sincades 2012 União é tricampeã da Copa Sincades 2012 P03 PSP: sucesso em sua primeira edição P04 JAN FEV MAR ABR MAI JUN JUL AGO SET OUT NOV DEZ 13 ANO IV / 2012 Uma Revista do Setor Atacadista e Distribuidor do Estado

Leia mais

12 MESES DE MUITO TRABALHO E REALIZAÇÕES

12 MESES DE MUITO TRABALHO E REALIZAÇÕES PALAVRA DO PRESIDENTE 12 MESES DE MUITO TRABALHO E REALIZAÇÕES RETROSPECTIVA Apesar de ter sido um ano adverso para a economia brasileira, foi estimulante para o nosso trabalho. Mais uma vez, o cooperativismo

Leia mais

PROGRAMAÇÃO. Humberto Guimarães Souto Presidente da Comissão de Desenvolvimento Urbano da Câmara dos Deputados - CDU

PROGRAMAÇÃO. Humberto Guimarães Souto Presidente da Comissão de Desenvolvimento Urbano da Câmara dos Deputados - CDU PROGRAMAÇÃO Dia 07/12 (terça-feira) 19 h Mesa de abertura: Ellade Imparato Presidente do Instituto Brasileiro de Direito Urbanístico -IBDU José Geraldo de Souza Júnior Reitor da Universidade de Brasília

Leia mais

MODELO 1 ELEIÇÕES SINDICAIS EDITAL DE CONVOCAÇÃO

MODELO 1 ELEIÇÕES SINDICAIS EDITAL DE CONVOCAÇÃO MODELO 1 ELEIÇÕES SINDICAIS EDITAL DE CONVOCAÇÃO Pelo presente Edital, faço saber que no dia...de...de..., no período de... às... horas, na Sede desta Entidade (endereço ou outros locais, se for o caso),

Leia mais

OBSERVADOR. Social Outubro Rosa e Novembro Azul p.06. Agrícola Reunião com contabilistas na Usina Ipê p.05

OBSERVADOR. Social Outubro Rosa e Novembro Azul p.06. Agrícola Reunião com contabilistas na Usina Ipê p.05 OBSERVADOR ano 45 n 517 nov/dez de 2015 Social Outubro Rosa e Novembro Azul p.06 Treinamento Pedra e Buriti concluem mais duas escolas de formação p.02 Comunicação Jornal Observador: 45 anos de história

Leia mais

ORGANIZAÇÃO SINDICAL BRASILEIRA

ORGANIZAÇÃO SINDICAL BRASILEIRA Aula - Direito do Trabalho II Prof.ª Carolina ORGANIZAÇÃO SINDICAL BRASILEIRA ESTRUTURA SINDICAL Permanência inicial Moldes corporativistas não inteiramente revogados pela CF/88. Existência de uma pirâmide

Leia mais

Relatório Abril 2016

Relatório Abril 2016 Relatório Abril 2016 Dados Gerais Data 30 e 31 de Março de 2016. Local Hotel Boulevard Plaza - Av. Getúlio Vargas, 1640 - Funcionários - Belo Horizonte - MG. Público Alvo Analistas das Superintendências

Leia mais

E s t a t u t o S o c i a l d a A s s o c i a ç ã o D e n o m i n a d a

E s t a t u t o S o c i a l d a A s s o c i a ç ã o D e n o m i n a d a E s t a t u t o S o c i a l d a A s s o c i a ç ã o D e n o m i n a d a I n s t i t u t o M e t t a d e E s t u d o s e P e s q u i s a s p a r a o D e s e n v o l v i m e n t o H u m a n o Capítulo I

Leia mais

8 de Julho de 2016 - Florianópolis - SC

8 de Julho de 2016 - Florianópolis - SC 8 de Julho de 2016 - Florianópolis - SC PROGRAMAÇÃO 09:00 Café de boas-vindas 09:30 Interação Mostra o teu que eu mostro o meu 10:00 Comunicação Municipal: Modo de usar André Tamura (WeGov) 11:00 Painel:

Leia mais

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE REUNIÃO PARA ELEIÇÃO DOS REPRESENTANTES DA SOCIEDADE CIVIL NA COMPOSIÇÃO DO CONSELHO ESTADUAL DE COMUNICAÇÃO SOCIAL

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE REUNIÃO PARA ELEIÇÃO DOS REPRESENTANTES DA SOCIEDADE CIVIL NA COMPOSIÇÃO DO CONSELHO ESTADUAL DE COMUNICAÇÃO SOCIAL GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA SECRETARIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL - SECOM 3ª Av.nº 390, Plataforma IV, 1ºandar, CAB.CEP: 41.745-005 Salvador - Bahia Brasil Tel e Fax: (71) 311566644/6025- site: www.secom.ba.gov.br

Leia mais

UM PROJETO A FAVOR DA EXCELÊNCIA TRIBUTÁRIA TENDO COMO PONTO DE PARTIDA O SABER DO AUDITOR-FISCAL

UM PROJETO A FAVOR DA EXCELÊNCIA TRIBUTÁRIA TENDO COMO PONTO DE PARTIDA O SABER DO AUDITOR-FISCAL março de 2013 UM PROJETO A FAVOR DA EXCELÊNCIA TRIBUTÁRIA TENDO COMO PONTO DE PARTIDA O SABER DO AUDITOR-FISCAL os três eixos balizadores de nossa plataforma Vamos mudar: vote a favor de uma UNAFISCO comprometida

Leia mais

PROJETO DE EXTENSÃO - N. 4

PROJETO DE EXTENSÃO - N. 4 PROJETO DE EXTENSÃO - N. 4 Curso de Ciências Contábeis 1. TITULO SESSÃO SOLENE PELO DIA DO CONTABILISTA 2. PROFESSORES PARTICIPANTES Prof. ALMIR FERRAZ DE OLIVEIRA Coordenador do Curso de Ciências Contábeis

Leia mais

IFL oferece novos serviços a associados

IFL oferece novos serviços a associados SEGURANÇA E SAÚDE Ano 7 Nº 144 11/11 a 31/12/10 Palestra alerta para a necessidade de envolvimento de todos no cumprimento da NR-32 Em uma palestra promovida pela Aheg e realizada no auditório da Casa

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 3, DE 23 DE DEZEMBRO DE 2003 O PRESIDENTE DA COMISSÃO NACIONAL DE RESIDÊNCIA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 3, DE 23 DE DEZEMBRO DE 2003 O PRESIDENTE DA COMISSÃO NACIONAL DE RESIDÊNCIA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 3, DE 23 DE DEZEMBRO DE 2003 O PRESIDENTE DA COMISSÃO NACIONAL DE RESIDÊNCIA MÉDICA, no uso das atribuições que lhe conferem o Decreto

Leia mais

SINDICATO DAS SECRETÁRIAS E SECRETÁRIOS NO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL - SISERGS

SINDICATO DAS SECRETÁRIAS E SECRETÁRIOS NO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL - SISERGS INFORMATIVO SISERGS 001/2008 Caras (os) Secretárias (os) No mês dos Profissionais de Secretariado a nova diretoria do SISERGS tem orgulho e prazer em apresentar a toda categoria profissional o INFORMATIVO

Leia mais

CONGRESSO ESTADUAL DE VEREADORES DE PERNAMBUCO EM TRIUNFO

CONGRESSO ESTADUAL DE VEREADORES DE PERNAMBUCO EM TRIUNFO CONGRESSO ESTADUAL DE VEREADORES DE PERNAMBUCO EM TRIUNFO Durante o evento promovido pela UVP foi feita a eleição para a escolha da nova diretoria entre as chapas de Biu Farias, atual presidente (Chapa

Leia mais

ESTATUTO DE ORGANIZAÇÃO DA SOCIEDADE CIVIL DE INTERESSE PUBLICO/OSCIP

ESTATUTO DE ORGANIZAÇÃO DA SOCIEDADE CIVIL DE INTERESSE PUBLICO/OSCIP ESTATUTO DE ORGANIZAÇÃO DA SOCIEDADE CIVIL DE INTERESSE PUBLICO/OSCIP Capitulo I Da DENOMINAÇÃO, SEDE E FINS Art. 1º - A Afinidades GLSTAL Gays, Lésbicas, Simpatizantes e Transgênero de Alagoas também

Leia mais

Lutar pelo êxito do governo Dilma e reforçar o papel do PCdoB

Lutar pelo êxito do governo Dilma e reforçar o papel do PCdoB Resolução da 5ª reunião do CC - eleito no 12º Congresso Lutar pelo êxito do governo Dilma e reforçar o papel do PCdoB A maioria da nação enalteceu a eleição de Dilma Rousseff para a presidência da República

Leia mais

Estatuto da APG Fiocruz Rio de Janeiro. Capítulo I Da entidade e seus fins

Estatuto da APG Fiocruz Rio de Janeiro. Capítulo I Da entidade e seus fins Estatuto da APG Fiocruz Rio de Janeiro Capítulo I Da entidade e seus fins Artigo 1. A Associação de Pós-Graduandos da Fundação Oswaldo Cruz do Rio de Janeiro (APG-Fiocruz Rio de Janeiro), fundada em 26

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA 2005/2006

CONVENÇÃO COLETIVA 2005/2006 1 de 5 CONVENÇÃO COLETIVA 2005/2006 Convenção Coletiva de Trabalho que firmam entre si, de um lado, o SINDICATO DOS ESTABELECIMENTOS DE ENSINO DO ESTADO DA BAHIA, adiante denominado SINEPE-BA, e de outro

Leia mais

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DAS ELEIÇÕES SINDICAIS 2015/2018.

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DAS ELEIÇÕES SINDICAIS 2015/2018. EDITAL DE CONVOCAÇÃO DAS ELEIÇÕES SINDICAIS 2015/2018. O SINDICATO DA INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO CIVIL DO ESTADO DO AMAZONAS SINDUSCON/AM, inscrito no CNPJ sob o n.04.535.704/0001-10, com sede na Avenida

Leia mais

54616 Sábado 17 DIÁRIO DO SENADO FEDERAL Dezembro de 2011

54616 Sábado 17 DIÁRIO DO SENADO FEDERAL Dezembro de 2011 54616 Sábado 17 DIÁRIO DO SENADO FEDERAL Dezembro de 2011 RO) Voltamos à lista de oradores. Pela ordem de inscrição, Senadora Ana Amélia, pela Liderança do PP. RO) A Presidência recebeu da Câmara dos Deputados

Leia mais

CENTRO ACADÊMICO IAG PAULO MARQUES DOS SANTOS C.A.P.M.S. ESTATUTO SOCIAL CAPÍTULO I DA ORGANIZAÇÃO E SEUS FINS

CENTRO ACADÊMICO IAG PAULO MARQUES DOS SANTOS C.A.P.M.S. ESTATUTO SOCIAL CAPÍTULO I DA ORGANIZAÇÃO E SEUS FINS CENTRO ACADÊMICO IAG PAULO MARQUES DOS SANTOS C.A.P.M.S. ESTATUTO SOCIAL CAPÍTULO I DA ORGANIZAÇÃO E SEUS FINS Artigo 1º. O Centro Acadêmico IAG Paulo Marques dos Santos C.A.P.M.S. dos estudantes de Geofísica

Leia mais

02/12/2004. Discurso do Presidente da República

02/12/2004. Discurso do Presidente da República , Luiz Inácio Lula da Silva, na cerimônia de entrega do Prêmio Finep e sanção da Lei de Inovação de Incentivo à Pesquisa Tecnológica Palácio do Planalto, 02 de dezembro de 2004 Meus companheiros ministros,

Leia mais

PERFIL DOS MEMBROS DA MESA DIRETORA DO SENADO FEDERAL 52ª LEGISLATURA 3ª SESSÃO LEGISLATIVA

PERFIL DOS MEMBROS DA MESA DIRETORA DO SENADO FEDERAL 52ª LEGISLATURA 3ª SESSÃO LEGISLATIVA Editorial PERFIL DOS MEMBROS DA MESA DIRETORA DO SENADO FEDERAL 52ª LEGISLATURA 3ª SESSÃO LEGISLATIVA fevereiro/2005 PRESIDENTE Nome Parlamentar: Renan Calheiros Partido: PMDB/AL Data de Nascimento: 16/09/1955

Leia mais

PROPOSTA DE ESTATUTOS DA ASSOCIAÇÃO DE PAIS DO CONSERVATÓRIO DE MÚSICA DE SÃO JOSÉ, DA GUARDA

PROPOSTA DE ESTATUTOS DA ASSOCIAÇÃO DE PAIS DO CONSERVATÓRIO DE MÚSICA DE SÃO JOSÉ, DA GUARDA PROPOSTA DE ESTATUTOS DA ASSOCIAÇÃO DE PAIS DO CONSERVATÓRIO DE MÚSICA DE SÃO JOSÉ, DA GUARDA Capítulo I Da denominação, natureza e fins Artigo 1º Denominação A Associação de Pais e Encarregados de Educação

Leia mais

APRESENTAÇÃO APRESENTAÇÃO REVISTA MINERAÇÃO & SUSTENTABILIDADE 2015 2

APRESENTAÇÃO APRESENTAÇÃO REVISTA MINERAÇÃO & SUSTENTABILIDADE 2015 2 1 APRESENTAÇÃO REVISTA MINERAÇÃO & SUSTENTABILIDADE 2015 APRESENTAÇÃO A Mineração & Sustentabilidade, voltada ao mercado minerário e ambiental, é o único veículo de imprensa especializado no setor sediado

Leia mais

ESTATUTO SOCIAL DA AGÊNCIA DE DESENVOLVIMENTO DO TURISMO DA MACRORREGIÃO SUL DO BRASIL CAPÍTULO I DA DENOMINAÇÃO, SEDE, FORO E DURAÇÃO

ESTATUTO SOCIAL DA AGÊNCIA DE DESENVOLVIMENTO DO TURISMO DA MACRORREGIÃO SUL DO BRASIL CAPÍTULO I DA DENOMINAÇÃO, SEDE, FORO E DURAÇÃO ESTATUTO SOCIAL DA AGÊNCIA DE DESENVOLVIMENTO DO TURISMO DA MACRORREGIÃO SUL DO BRASIL CAPÍTULO I DA DENOMINAÇÃO, SEDE, FORO E DURAÇÃO Art. 1 - A Agência de Desenvolvimento do Turismo da Macrorregião Sul

Leia mais

Início dos jogos XXI Ticoop. Confira as ações do Sescoop/MS para 2013

Início dos jogos XXI Ticoop. Confira as ações do Sescoop/MS para 2013 INFORMATIVO DO SINDICATO E ORGANIZAÇÃO DAS COOPERATIVAS BRASILEIRAS NO MS - OCBMS - ABRIL 2013 Mato Grosso do Sul recebe o Fórum Regional de Presidentes e Superintendentes do Sistema OCB Página 3 Confira

Leia mais

RELATÓRIO de ATIVIDADES

RELATÓRIO de ATIVIDADES RELATÓRIO de ATIVIDADES 2005 SUMÁRIO Declaração da Equipe Missão Visão 1. Objetivo do relatório 2. Modelo Operacional em 2005 Captação de recursos Atividades Geradoras de Recursos Financeiros (Fund Raising)

Leia mais

ABDEPP/Freinet ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA PARA DIVULGAÇÃO, ESTUDOS E PESQUISAS DA PEDAGOGIA FREINET.

ABDEPP/Freinet ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA PARA DIVULGAÇÃO, ESTUDOS E PESQUISAS DA PEDAGOGIA FREINET. ABDEPP/Freinet ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA PARA DIVULGAÇÃO, ESTUDOS E PESQUISAS DA PEDAGOGIA FREINET. Capítulo I DA DENOMINAÇÃO, SEDE E FORO ART. 1 o - Sob a denominação de ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA PARA DIVULGAÇÃO,

Leia mais

PROCESSO SELETIVO 2016/1

PROCESSO SELETIVO 2016/1 Prezado(a) Vestibulando(a). Bem-vindo ao Vestibular 2016-1 da FACULDADE RAÍZES! Nosso desejo é que você se torne um profissional capaz de competir no mercado de trabalho e de conquistar o seu espaço exercendo

Leia mais

PROJETO DE LEI DO SENADO N, DE 2007

PROJETO DE LEI DO SENADO N, DE 2007 SENADO FEDERAL GABINETE DO SENADOR EXPEDITO JÚNIOR PROJETO DE LEI DO SENADO N, DE 2007 Dispõe sobre a regulamentação do exercício da profissão de Analista de Sistemas e suas correlatas, cria o Conselho

Leia mais

- PROJETO CRESCER - - CONTRATO DE INCLUSÃO - QUE ENTRE SI CELEBRAM O SINDICATO DOS CONTABILISTAS DE PORTO ALEGRE SCPA E.

- PROJETO CRESCER - - CONTRATO DE INCLUSÃO - QUE ENTRE SI CELEBRAM O SINDICATO DOS CONTABILISTAS DE PORTO ALEGRE SCPA E. - PROJETO CRESCER - - CONTRATO DE INCLUSÃO - QUE ENTRE SI CELEBRAM O SINDICATO DOS CONTABILISTAS DE PORTO ALEGRE SCPA E. SINDICATO DOS CONTABILISTAS DE PORTO ALEGRE com sede na Rua Riachuelo 1.641 1º andar,

Leia mais

VANTAGENS DA CERTIFICAÇÃO...

VANTAGENS DA CERTIFICAÇÃO... ÍNDICE 1 OBJETIVO... 3 2 ABRANGÊNCIA... 3 3 IMPORTÂNCIA... 3 4 FUNDAMENTAÇÃO... 3 5 VANTAGENS DA CERTIFICAÇÃO... 4 5.1 Para cooperativa... 4 5.2 Para o Sistema OCB-SESCOOP/ES... 4 6 PROCEDIMENTOS... 4

Leia mais

EDITAL DE CONVOCAÇÃO ELEITORAL

EDITAL DE CONVOCAÇÃO ELEITORAL EDITAL DE CONVOCAÇÃO ELEITORAL A Sociedade Brasileira de Hemodinâmica e Cardiologia Intervencionista (SBHCI), nos termos de seu Estatuto Social, publica através deste edital, as normas para eleição do

Leia mais

Fundos dos Direitos da Criança e do Adolescente

Fundos dos Direitos da Criança e do Adolescente Uma iniciativa que visa contribuir com o Pacto Global SISTEMA CFA/CRAs CONSELHO FEDERAL DE ADMINISTRAÇÃO CONSELHOS REGIONAIS DE ADMINISTRAÇÃO Fundos dos Direitos da Criança e do Adolescente COMO INVESTIR

Leia mais

III- lutar por uma universidade autônoma, democrática e participativa, que cumpra suas funções acadêmicas e político-sociais;

III- lutar por uma universidade autônoma, democrática e participativa, que cumpra suas funções acadêmicas e político-sociais; ESTATUTO DO CENTRO ACADÊMICO RUY BARBOSA (Faculdade de Direito-UFBA) TÍTULO I DA ENTIDADE Capítulo I Da Natureza Jurídica Art.1º O Centro Acadêmico Ruy Barbosa (CARB), fundado em 25 de Outubro de 1999,

Leia mais

AGENDA PROPOSITIVA DO CONSELHO NACIONAL DE SAÚDE

AGENDA PROPOSITIVA DO CONSELHO NACIONAL DE SAÚDE AGENDA PROPOSITIVA DO CONSELHO NACIONAL DE SAÚDE Com o objetivo de estimular o debate democrático, o Conselho Nacional de Saúde (CNS) apresenta à sociedade brasileira sua Agenda Propositiva para a Saúde

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca Visita às Obras da Vila Brejal Minha

Leia mais

ESTRUTURA ORGÂNICA CONSELHO DE REPRESENTANTES DIRETORIA PRESIDENTE CAMARAS TEMÁTICAS

ESTRUTURA ORGÂNICA CONSELHO DE REPRESENTANTES DIRETORIA PRESIDENTE CAMARAS TEMÁTICAS ESTRUTURA ORGÂNICA CONSELHO DE REPRESENTANTES DIRETORIA PRESIDENTE CONSELHOR CONSULTIVO CONSELHO FISCAL CAMARAS TEMÁTICAS COMÉRCIO VAREJISTA ALIMENTAÇÃO SAÚDE HABITAÇÃO SERVIÇOS TURISMO E HOSPITALIDADE

Leia mais

LEI Nº 3.219, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2006

LEI Nº 3.219, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2006 LEI Nº 3.219, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2006 Dispõe sobre a criação do Conselho Municipal de Meio Ambiente, dá outras providências sobre o Fundo Municipal de Meio Ambiente, revoga e altera disposições indicadas

Leia mais

CARTA CONVITE N 04/2013. 1 - VAGA: As vagas estão distribuídas em lotes, as empresas poderão concorrer a um lote ou a todos reunidos.

CARTA CONVITE N 04/2013. 1 - VAGA: As vagas estão distribuídas em lotes, as empresas poderão concorrer a um lote ou a todos reunidos. CARTA CONVITE N 04/2013 A UNIÃO NACIONAL DE COOPERATIVAS DA AGRICULTURA FAMILIAR E ECONOMIA SOLIDÁRIA (Unicafes), inscrita no CNPJ sob o n o 07.738.836/0001-37 torna público que estará contratando, em

Leia mais