EDITAL DE CONVOCAÇÃO DAS ELEIÇÕES SINDICAIS 2015/2018.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "EDITAL DE CONVOCAÇÃO DAS ELEIÇÕES SINDICAIS 2015/2018."

Transcrição

1 EDITAL DE CONVOCAÇÃO DAS ELEIÇÕES SINDICAIS 2015/2018. O SINDICATO DA INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO CIVIL DO ESTADO DO AMAZONAS SINDUSCON/AM, inscrito no CNPJ sob o n / , com sede na Avenida Djalma Batista, n., 1719, 7º andar, salas 709/710, Edifício Atlantic Tower Chapada - Manaus/AM CEP: , nesta cidade de Manaus/AM, neste ato representado por seu Presidente, Engº. EDUARDO JORGE DE OLIVEIRA LOPES, nos termo do artigo 58 de seu Estatuto, registrado sob o n , livro A- 244, em 27 de agosto de 2004, junto ao Registro Civil de Pessoas Jurídicas de Manaus/AM, convoca os seus associados efetivos a interessados em concorrer na eleição para escolha dos membros da Administração (Diretoria), Conselho Fiscal e representação junto à FIEAM para o triénio 2015/2018 à ocorrer no dia 22/10/2015, em primeira convocação, na sede da Federação das Indústrias do Amazonas FIEAM, sito à avenida Joaquim Nabuco, n.1919, 3º Andar, Sala de Reuniões, CENTRO, das 09h:00 às 15h:00, ininterruptamente, conforme as regras constantes do Estatuto, a saber: 1 - Os cargos em disputa estão definidos no Estatuto Sindical, devendo cada interessado em concorrer agrupar-se em chapas que contemplem: - Cargos da Administração Executiva (Diretoria): (01) um Presidente; (01) um 1º Vice-presidente; (01) um 2º Vice-Presidente; (01) um 1º Secretário; (01) um 2º Secretário; (01) um 1º Tesoureiro; (01) um 2º Tesoureiro; (07) sete Administradores e (05) cinco Suplentes; - Conselho Fiscal: (03) três Membros Efetivos e (03) três Suplentes; - Representantes: (01) um Representante junto a Federação das Indústrias do Amazonas - FIEAM e (01) um Suplente. 2 O prazo para o pedido de registro de chapas será de 20 (vinte) dias a contar da data da publicação do resumo deste edital, na sede do SINDUSCON-AM, no horário de 08h:00 as 12h:00 e das 14h:00 as 17h:00, de segunda a sexta-feira, sendo fornecido recibo da documentação apresentada; 3 O Requerimento de registro de chapa deverá ser apresentado em duas vias, endereçado ao Presidente do SINDUSCON-AM e assinado por quaisquer dos

2 candidatos, devendo ser instruído com: Ficha de qualificação do candidato (sugestão no anexo I); Cópia da Carteira de Identidade; Prova de que o Candidato é titular ou Diretor de empresa com mais de dois anos de exercício na atividade econômica, filiada a mais de seis meses ao SINDUSCON-AM e em gozo dos direitos Sindicais e; Declaração do candidato sob as penas da lei de não se encontrar incurso em quaisquer dos impedimentos do art.530 da CLT (sugestão no anexo II). 4 Recebido o requerimento de registro de chapa o Presidente: a) Indeferirá o requerimento que não contemple candidatos efetivos a todos os cargos eletivos; b) Havendo irregularidade na documentação, notificará o interessado para sanar o erro no prazo de 48h (quarenta e oito horas), sob pena de indeferimento; c) Se a irregularidade afetar um candidato individualmente, o requerente do registro da chapa poderá substituí-lo no prazo de (02) dois dias uteis após a ciência do despacho do presidente; 5 Nos dez dias subsequentes ao encerramento do prazo de requerimento de registro de chapas, será lavrada ata a ser assinada pelo Presidente e Secretário do SINDUSCON-AM, que mencionará as chapas registradas; 6 - Cinco dias após a publicação das chapas registradas, os interessados poderão apresentar impugnação em petição fundamentada e dirigida ao Presidente do SINDUSCON-AM. 7 Recebida a impugnação, em (48h) quarenta e oito horas deverá ser aberto vista ao candidato impugnado para contrarrazões no mesmo prazo. 8 A instrução do processo deverá se dar em quarenta e oito horas, sendo decidida a controvérsia em até (03) três dias úteis, comunicando-a aos interessados no prazo de (24h) vinte e quatro horas; 9 Da decisão do Presidente caberá recurso, sem efeito suspensivo, para a Administração Executiva (diretoria) no prazo de (03) três dias úteis; 10 A Administração Executiva (diretoria) apreciará o recurso, concluindo em decisão fundamentada após o que comunicará aos interessados a decisão em (24h) vinte e quatro horas;

3 11 Até (30) trinta dias antes da eleição, dar-se-á a formação da mesa coletora, sendo constituída por (03) três membros indicados pela FIEAM e (1) presidente indicado pelo Presidente do SINDUSCON-AM; 12 Na hora e local indicados o Presidente dará início aos trabalhos que terão duração máxima de (06h) seis horas, cabendo a mesa: a) Resolver de imediato as dúvidas e controvérsias que surgirem na votação; b) Identificar cada eleitor e colher assinatura em folha de votação/livro de presença; c) Fazer a entrega da cédula única rubricada pelo Presidente da mesa; d) Indicar ao eleitor o local de votação e da urna para depósito do voto; e) Registrar todos os requerimentos e resoluções em ata. 13 Finda a votação a mesa coletora é convertida automaticamente em mesa apuradora, passando a fazer a contagem dos votos; 14 O voto será anulado caso apresente qualquer sinal, rasura ou dizer suscetível de identificar o eleitor, ou tendo sido assinalada mais de uma chapa; 15 Finda a apuração o Presidente da mesa declarará eleitos os candidatos que obtiverem a maioria absoluta de votos em relação ao total de eleitores quando se tratar de primeira convocação; 16 Nos termos do Artigo 531 da CLT, não correndo na primeira convocação participação da maioria absoluta de eleitores, ou no caso de nenhum dos candidatos obter a maioria absoluta, desde já fica convocada nova eleição para o dia 23/10/2015, sendo então considerados eleitos os candidatos que obtiverem maioria simples de votos; 17 Havendo somente uma chapa registrada, a segunda convocação se dará (02h) duas horas após a primeira. 18 Em caso de empate das chapas mais votadas, realizar-se-ão novas eleições no prazo de (15) quinze dias limitadas a elegibilidade aos candidatos já inscritos; 19 Contra as decisões da mesa caberá recurso dirigido ao Presidente do SINDUSCON-AM no prazo de 15 dias a contar da data das eleições;

4 20 O Presidente notificará o recorrido para apresentar contrarrazões no prazo de (05) cinco dias e instruirá o processo, fazendo remessa do mesmo a Administração Executiva (diretoria); 21 É direito do Associado Efetivo e regular, participar, votar e ser votado e indicar candidatos, diretamente ou por meio de seus representantes. 22 Até (03) dias úteis antes da data das eleições, o Presidente elaborará e dará publicidade a lista de eleitores aptos a votar e os nomes de seus representantes; 23 Nos termos do Estatuto Sindical, todos os pontos omissos serão dirimidos pela Administração Executiva (Diretoria). 24 Salvo nos casos ocorridos no dia da votação, o protocolo de requerimentos, impugnações, recursos e quaisquer outros documentos relativos às eleições deverá ser feito na sede do SINDUSCON-AM, na Avenida Djalma Batista, n., 1719, 7º andar, salas 709/710, Edifício Atlantic Tower Chapada - Manaus/AM CEP: , nesta cidade de Manaus/AM, no horário de 08h:00 as 12h:00 e das 14h:00 as 17h:00, de segunda a sexta-feira, sendo fornecido recibo da documentação apresentada; 25 - No computo dos prazos previstos nesse edital deve ser excluído o dia do começo e incluído o do vencimento. 26 Prazos que tenham termo nos sábados, domingos ou feriados serão prorrogados para o primeiro dia útil posterior. 27 Os prazos em horas serão computados minuto a minuto, porém, ocorrendo termo conforme o disposto no item 26, o prazo será finalizado (30 min) trinta minutos após o início do expediente do SINDUSCON-AM no primeiro dia útil posterior Fixe-se cópia deste edital na sede do SINDUSCON-AM, publique-se no endereço eletrônico do SINDUSCON-AM e remetam-se cópias do mesmo aos associados por correio eletrônico ( ). Manaus, 20 de Agosto de Engº Civil Eduardo Jorge de Oliveira Lopes

5 Presidente do SINDUSCON-AM

REGULAMENTO ELEITORAL DA FEDERAÇÃO PAULISTA DE TÊNIS. Normas e Instruções Disciplinadoras

REGULAMENTO ELEITORAL DA FEDERAÇÃO PAULISTA DE TÊNIS. Normas e Instruções Disciplinadoras Circular Nota Oficial nº 009/2012 Aos Clubes, Liga e Associações Filiadas REGULAMENTO ELEITORAL DA FEDERAÇÃO PAULISTA DE TÊNIS Normas e Instruções Disciplinadoras Conforme previsão estatutária, constante

Leia mais

MODELO 1 ELEIÇÕES SINDICAIS EDITAL DE CONVOCAÇÃO

MODELO 1 ELEIÇÕES SINDICAIS EDITAL DE CONVOCAÇÃO MODELO 1 ELEIÇÕES SINDICAIS EDITAL DE CONVOCAÇÃO Pelo presente Edital, faço saber que no dia...de...de..., no período de... às... horas, na Sede desta Entidade (endereço ou outros locais, se for o caso),

Leia mais

IPREVI HO Instituto de Previdência dos Servidores Públicos de Herval d Oeste

IPREVI HO Instituto de Previdência dos Servidores Públicos de Herval d Oeste EDITAL DE CONVOCAÇÃO IPREVI-HO Nº 001/2014 ASSEMBLÉIA GERAL ELEIÇÕES DOS CONSELHOS DE ADMINISTRAÇÃO E FISCAL ABRE INSCRIÇÕES E FIXA NORMAS PARA O PROCESSO ELEITORAL DOS CONSELHOS DO INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA

Leia mais

Regimento Eleitoral. Capítulo I: Da Convocação das Eleições e Instalação da AGO

Regimento Eleitoral. Capítulo I: Da Convocação das Eleições e Instalação da AGO Regimento Eleitoral Capítulo I: Da Convocação das Eleições e Instalação da AGO Art. 1º As eleições gerais do SiNAENCO serão convocadas com antecedência de até 60 (sessenta) dias da data da eleição pelo

Leia mais

REGULAMENTO ELEITORAL DA COOPERATIVA DE POUPANÇA E CRÉDITO DE LIVRE ADMISSÃO DA REGIÃO DE MARINGÁ SICOOB METROPOLITANO TÍTULO I DO OBJETIVO

REGULAMENTO ELEITORAL DA COOPERATIVA DE POUPANÇA E CRÉDITO DE LIVRE ADMISSÃO DA REGIÃO DE MARINGÁ SICOOB METROPOLITANO TÍTULO I DO OBJETIVO REGULAMENTO ELEITORAL DA COOPERATIVA DE POUPANÇA E CRÉDITO DE LIVRE ADMISSÃO DA REGIÃO DE MARINGÁ SICOOB METROPOLITANO TÍTULO I DO OBJETIVO Art. 1 Este Regulamento Eleitoral tem como objetivo disciplinar

Leia mais

ELEIÇÕES PARA A DIRETORIA E PARA O CONSELHO FISCAL DA AFBNB REGULAMENTO ELEITORAL

ELEIÇÕES PARA A DIRETORIA E PARA O CONSELHO FISCAL DA AFBNB REGULAMENTO ELEITORAL ELEIÇÕES PARA A DIRETORIA E PARA O CONSELHO FISCAL DA AFBNB REGULAMENTO ELEITORAL ARTIGO 1º - As eleições para a Diretoria e para o Conselho Fiscal da AFBNB, para mandato no triênio 2011 a 2013, realizar-se-á

Leia mais

SINDICATO DAS EMPRESAS DO TRANSPORTE DE CARGAS E LOGÍSTICA DO RIO DE JANEIRO - SINDICARGA - REGULAMENTO ELEITORAL

SINDICATO DAS EMPRESAS DO TRANSPORTE DE CARGAS E LOGÍSTICA DO RIO DE JANEIRO - SINDICARGA - REGULAMENTO ELEITORAL 1 Estatuto Social - ANEXO I SINDICATO DAS EMPRESAS DO TRANSPORTE DE CARGAS E LOGÍSTICA DO RIO DE JANEIRO - SINDICARGA - REGULAMENTO ELEITORAL Dispõe sobre o processo eleitoral nos âmbitos da Assembléia

Leia mais

DISPOSITIVOS ESTATUTÁRIOS

DISPOSITIVOS ESTATUTÁRIOS ELEIÇÃO PARA A DIRETORIA EXECUTIVA E CONSELHO FISCAL NACIONAL TRIÊNIO 2016-2019 DISPOSITIVOS ESTATUTÁRIOS CAPÍTULO III DOS DIREITOS E DEVERES DOS ASSOCIADOS/FILIADOS SEÇÃO I DOS DIREITOS Art. 10º - São

Leia mais

REGULAMENTO PARA AS ELEIÇÕES DIRETAS AOS CONSELHOS EXECUTIVO E FISCAL DA ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS BRASILEIROS - AMB -, EM 26 DE NOVEMBRO DE 2010

REGULAMENTO PARA AS ELEIÇÕES DIRETAS AOS CONSELHOS EXECUTIVO E FISCAL DA ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS BRASILEIROS - AMB -, EM 26 DE NOVEMBRO DE 2010 REGULAMENTO PARA AS ELEIÇÕES DIRETAS AOS CONSELHOS EXECUTIVO E FISCAL DA ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS BRASILEIROS - AMB -, EM 26 DE NOVEMBRO DE 2010 0BSEÇÃO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º - As eleições

Leia mais

REGULAMENTO ELEITORAL CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

REGULAMENTO ELEITORAL CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS 1 REGULAMENTO ELEITORAL CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º. Além das disposições constantes do Estatuto Social e do Edital de Convocação, as chapas e candidatos individuais interessados em concorrer

Leia mais

SUMÁRIO CONVENÇÕES MUNICIPAIS DE 2015 INSTRUÇÕES

SUMÁRIO CONVENÇÕES MUNICIPAIS DE 2015 INSTRUÇÕES SUMÁRIO CONVENÇÕES MUNICIPAIS DE 2015 INSTRUÇÕES Calendário da Convenção... 07 Diretórios que poderão realizar Convenção... 09 Filiados que participarão da Convenção... 09 Podem compor a chapa para o Diretório...

Leia mais

Sindicato das Empresas de Transporte de Cargas do Vale do Paraíba, Litoral Norte e Serra da Mantiqueira. São José dos Campos/SP

Sindicato das Empresas de Transporte de Cargas do Vale do Paraíba, Litoral Norte e Serra da Mantiqueira. São José dos Campos/SP CIRCULAR INFORMATIVA - CHAPAS PROCESSO ELEITORAL - Eleição Diretoria Triênio 2015/2017 O SINDIVAPA informa a Chapa Única inscrita neste processo eleitoral CHAPA Diretoria 2015 a 2017 Presidente Laercio

Leia mais

EDITAL DE CONVOCAÇÃO ELEITORAL

EDITAL DE CONVOCAÇÃO ELEITORAL EDITAL DE CONVOCAÇÃO ELEITORAL A Sociedade Brasileira de Hemodinâmica e Cardiologia Intervencionista (SBHCI), nos termos de seu Estatuto Social, publica através deste edital, as normas para eleição do

Leia mais

EDITAL CMS/SMS Nº 001, DE 06 DE OUTUBRO DE 2015.

EDITAL CMS/SMS Nº 001, DE 06 DE OUTUBRO DE 2015. EDITAL CMS/SMS Nº 001, DE 06 DE OUTUBRO DE 2015. CONVOCA AS ENTIDADES PARA PARTICIPAR DO PROCESSO ELEITORAL PARA A COMPOSIÇÃO DO CONSELHO MUNICIPAL DE SAÚDE DE TERESINA BIÊNIO 2016-2017. O Conselho Municipal

Leia mais

REGIMENTO INTERNO ELEITORAL (Aprovado na AGE de 10.08.2011)

REGIMENTO INTERNO ELEITORAL (Aprovado na AGE de 10.08.2011) REGIMENTO INTERNO ELEITORAL (Aprovado na AGE de 10.08.2011) I - Das disposições gerais II - Do processo eleitoral A) Da eleição para a Diretoria e o Conselho Fiscal B) Da eleição para o Conselho de Ética

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DAS ELEIÇÕES PARA DIRETORIA EXECUTIVA GESTÃO 2015-2018 TÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

REGIMENTO INTERNO DAS ELEIÇÕES PARA DIRETORIA EXECUTIVA GESTÃO 2015-2018 TÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES REGIMENTO INTERNO DAS ELEIÇÕES PARA DIRETORIA EXECUTIVA GESTÃO 2015-2018 TÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º - A Associação Nacional dos Técnicos de Fiscalização Federal Agropecuária - ANTEFFA

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE GESTÃO E NEGÓCIOS

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE GESTÃO E NEGÓCIOS SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE GESTÃO E NEGÓCIOS EDITAL N o 002/2013, DO CONSELHO DA FACULDADE DE GESTÃO E NEGÓCIOS Regulamenta a eleição

Leia mais

O Plenário do Conselho Federal de Biblioteconomia no uso das atribuições legais e regimentais; CAPÍTULO I DA ELEIÇÃO E DO VOTO

O Plenário do Conselho Federal de Biblioteconomia no uso das atribuições legais e regimentais; CAPÍTULO I DA ELEIÇÃO E DO VOTO RESOLUÇÃO CFB N. 144, DE 05 DE MAIO DE 2014 Dispõe sobre as eleições dos Conselhos Regionais de Biblioteconomia e dá outras providências. O Plenário do Conselho Federal de Biblioteconomia no uso das atribuições

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DOS DOCENTES UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE ADUFAC Seção Sindical do ANDES - SN

ASSOCIAÇÃO DOS DOCENTES UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE ADUFAC Seção Sindical do ANDES - SN EDITAL Nº 001/2015 ELEIÇÃO DA DIRETORIA DA ASSOCIAÇÃO DOS DOCENTES DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE - ADUFAC-SEÇÃO SINDICAL DO ANDES SN, PARA O PERÍODO DE JANEIRO/2016 A JANEIRO/2018. CAPÍTULO I DA ELEIÇÃO

Leia mais

ESTATUTO DO SINDICATO DAS EMPRESAS DE RÁDIO E TELEVISÃO NO ESTADO DO PARANÁ

ESTATUTO DO SINDICATO DAS EMPRESAS DE RÁDIO E TELEVISÃO NO ESTADO DO PARANÁ ESTATUTO DO SINDICATO DAS EMPRESAS DE RÁDIO E TELEVISÃO NO ESTADO DO PARANÁ CAPÍTULO I - DAS PRERROGATIVAS, DEVERES E CONDIÇÕES PARA FUNCIONAMENTO DO SINDICATO. Art. 1º - O SINDICATO DAS EMPRESAS DE RÁDIO

Leia mais

RESOLUÇÃO N 002, DE 20 DE MAIO DE 1997, DA CONGREGAÇÃO.

RESOLUÇÃO N 002, DE 20 DE MAIO DE 1997, DA CONGREGAÇÃO. RESOLUÇÃO N 002, DE 20 DE MAIO DE 1997, DA CONGREGAÇÃO. Aprova o Regulamento de consulta à comunidade universitária para efeito de escolha do Diretor e Vice- Diretor da FMTM A CONGREGAÇÃO DA FACULDADE

Leia mais

SINDICATO DOS PERITOS CRIMINAIS DA BAHIA ASBAC

SINDICATO DOS PERITOS CRIMINAIS DA BAHIA ASBAC SINDICATO DOS PERITOS CRIMINAIS DA BAHIA ASBAC REGIMENTO ELEITORAL ELEIÇÕES PARA A DIRETORIA E CONSELHO FISCAL DA ASBAC Conforme faculta o Artigo 66 do estatuto, a Assembleia Geral aprovou este Regimento

Leia mais

ESTATUTO DO SINDICATO DAS EMPRESAS DE COMPRA E VENDA, LOCAÇÃO, AVALIAÇÃO E ADMINISTRAÇÃO DE IMÓVEIS PRÓPRIOS OU DE TERCEIROS,

ESTATUTO DO SINDICATO DAS EMPRESAS DE COMPRA E VENDA, LOCAÇÃO, AVALIAÇÃO E ADMINISTRAÇÃO DE IMÓVEIS PRÓPRIOS OU DE TERCEIROS, ESTATUTO DO SINDICATO DAS EMPRESAS DE COMPRA E VENDA, LOCAÇÃO, AVALIAÇÃO E ADMINISTRAÇÃO DE IMÓVEIS PRÓPRIOS OU DE TERCEIROS, DAS INCORPORADORAS DE IMÓVEIS, LOTEADORAS, DAS EMPRESAS ADMINISTRADORAS DE

Leia mais

ESTATUTO DA ASSOCIAÇÃO GREMIO 8 DE ABRIL TÌTULO - I DENOMINAÇÃO, SEDE, DEFINIÇÃO, FINALIDADE E OBJETIVO

ESTATUTO DA ASSOCIAÇÃO GREMIO 8 DE ABRIL TÌTULO - I DENOMINAÇÃO, SEDE, DEFINIÇÃO, FINALIDADE E OBJETIVO ESTATUTO DA ASSOCIAÇÃO GREMIO 8 DE ABRIL TÌTULO - I DENOMINAÇÃO, SEDE, DEFINIÇÃO, FINALIDADE E OBJETIVO Art. 1º - A ASSOCIAÇÃO GRÊMIO 08 DE ABRIL, fundada no dia 16 de fevereiro de 1990, com o CNPJ nº

Leia mais

ALPHAVILLE TÊNIS CLUBE REGIMENTO INTERNO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

ALPHAVILLE TÊNIS CLUBE REGIMENTO INTERNO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO ALPHAVILLE TÊNIS CLUBE REGIMENTO INTERNO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO Este Regimento Interno tem por finalidade a regulamentação do funcionamento e operacionalização das matérias atribuídas ao Conselho

Leia mais

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE ELEIÇÕES PARA A DIRETORIA DO CENTRO ACADÊMICO DO CURSO DE ZOOTECNIA CAZ

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE ELEIÇÕES PARA A DIRETORIA DO CENTRO ACADÊMICO DO CURSO DE ZOOTECNIA CAZ EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE ELEIÇÕES PARA A DIRETORIA DO CENTRO ACADÊMICO DO CURSO DE ZOOTECNIA CAZ Edital 01/2014 A Comissão Eleitoral eleita em Assembleia Geral do Curso de Zootecnia realizada no último

Leia mais

CONSELHO FEDERAL DE BIOLOGIA CFBio

CONSELHO FEDERAL DE BIOLOGIA CFBio INSTRUÇÃO ELEITORAL QUE REGULAMENTA O PROCESSO PARA ELEIÇÃO E POSSE DOS CONSELHEIROS DO CONSELHO REGIONAL DE BIOLOGIA DA 8ª REGIÃO - CRBio-08 (BA, AL, SE), PARA O MANDATO DE 06 DE JANEIRO DE 2015 A 06

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PARA CONTRATAÇÃO EM CARÁTER TEMPORÁRIO ACT Nº. 0001, DE 08 DE JANEIRO DE 2015.

EDITAL DE SELEÇÃO PARA CONTRATAÇÃO EM CARÁTER TEMPORÁRIO ACT Nº. 0001, DE 08 DE JANEIRO DE 2015. EDITAL DE SELEÇÃO PARA CONTRATAÇÃO EM CARÁTER TEMPORÁRIO ACT Nº. 0001, DE 08 DE JANEIRO DE 2015. O Sr. ELÓI REGALIN, PRESIDENTE DA AUTARQUIA MUNICIPAL DE SANEAMENTO DE FRAIBURGO - SANEFRAI, no uso de suas

Leia mais

REGULAMENTO DO PROCESSO ELEITORAL 2011 AO CONSELHO SUPERIOR DO INSTITUTO FEDERAL DO PARANÁ TÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

REGULAMENTO DO PROCESSO ELEITORAL 2011 AO CONSELHO SUPERIOR DO INSTITUTO FEDERAL DO PARANÁ TÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS REGULAMENTO DO PROCESSO ELEITORAL 2011 AO CONSELHO SUPERIOR DO INSTITUTO FEDERAL DO PARANÁ TÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS CAPÍTULO I DO OBJETIVO Art. 1º Este regulamento tem por objetivo normatizar o

Leia mais

Prefeitura do Município de Foz do Iguaçu

Prefeitura do Município de Foz do Iguaçu EDITAL Nº 01/2016 FOZPREV/COMISSÃO ELEITORAL EDITAL DE ABERTURA REGIMENTO ELEITORAL O Diretor Superintendente do FOZPREV, nomeado pela Portaria nº 51.484, de 8 de janeiro de 2013, e a Presidente da Comissão

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE Edital nº 01/2014

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE Edital nº 01/2014 EDITAL Nº 01/2014 PARA ELEIÇÃO DE COORDENADOR E VICE- CORDENADOR DO CURSO LICENCIATURA PLENA EM PEDAGOGIA PARA O BIÊNIO 2015/2016. Abre inscrições, fixa data, horário e critérios para a Eleição do Coordenador

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO EDITAL PARA ELEIÇÃO DE COORDENADOR DE CURSO Nº 05/2015 DE 03 DE SETEMBRO DE 2015

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO EDITAL PARA ELEIÇÃO DE COORDENADOR DE CURSO Nº 05/2015 DE 03 DE SETEMBRO DE 2015 EDITAL PARA ELEIÇÃO DE COORDENADOR DE CURSO Nº 05/2015 DE 03 DE SETEMBRO DE 2015 A COMISSÃO ELEITORAL, designada pela Portaria nº 302/DG de 27 de agosto de 2015, torna público as normas que regerão o processo

Leia mais

EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA ELEIÇÃO DA SOCIEDADE CIVIL.

EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA ELEIÇÃO DA SOCIEDADE CIVIL. EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA ELEIÇÃO DA SOCIEDADE CIVIL. O Conselho Municipal de Direito da Criança e do Adolescente de Curionópolis - CMDCAC, convoca a ELEIÇÃO dos Membros Titulares e Suplentes da Sociedade

Leia mais

ARTº 1º Delegados ao Congresso. ARTº 2º São Delegados ao X Congresso:

ARTº 1º Delegados ao Congresso. ARTº 2º São Delegados ao X Congresso: REGULAMENTO ELEITORAL DO X CONGRESSO AVEIRO 13 DE JULHO DE 2013 ARTº 1º Delegados ao Congresso Podem ser eleitos delegados ao Congresso todos os associados que tenham sido admitidos como sócios do SINDEP

Leia mais

REGULAMENTO PARA ELEIÇÃO DA DIRETORIA EXECUTIVA E DO CONSELHO FISCAL DA ASUNIRIO PARA BIÊNIO 2014 A 2016.

REGULAMENTO PARA ELEIÇÃO DA DIRETORIA EXECUTIVA E DO CONSELHO FISCAL DA ASUNIRIO PARA BIÊNIO 2014 A 2016. Associação dos Trabalhadores em Educação da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro ASUNIRIO Rua Voluntários da Pátria, 107 - Botafogo - RJ CEP 22270-000 CNPJ - 29.260.486/0001-89 Telefax 2541-0924

Leia mais

E D I T A L Nº 2339/2014

E D I T A L Nº 2339/2014 E D I T A L Nº 2339/2014 MODALIDADE: Concorrência TIPO: Maior oferta ABERTURA: Dia 08 de Outubro de 2014, às 10 horas LOCAL DE ABERTURA: Setor de Licitações, situado na Rua Benjamin Constant, nº 686 2º

Leia mais

ASSEITE-MT Associação das Empresas de Informática e Telecomunicações de Mato Grosso

ASSEITE-MT Associação das Empresas de Informática e Telecomunicações de Mato Grosso ESTATUTO SOCIAL DA ASSEITE-MT Data de Fundação: 12 de agosto de 1985. ÍNDICE GERAL Capítulo I - Identidade Social... 03 Capítulo II Objetivos... 03 Capítulo III Associados... 04 Capítulo IV Rendas... 07

Leia mais

FACULDADE PALOTINA DE SANTA MARIA ESTATUTO DO DIRETÓRIO ACADÊMICO DE ADMINISTRAÇÃO DA FAPAS. TÍTULO I Da Entidade

FACULDADE PALOTINA DE SANTA MARIA ESTATUTO DO DIRETÓRIO ACADÊMICO DE ADMINISTRAÇÃO DA FAPAS. TÍTULO I Da Entidade FACULDADE PALOTINA DE SANTA MARIA ESTATUTO DO DIRETÓRIO ACADÊMICO DE ADMINISTRAÇÃO DA FAPAS TÍTULO I Da Entidade Artigo 1º - O Diretório Acadêmico de Administração da Faculdade Palotina de Santa Maria,

Leia mais

Conselho Municipal do Direito da Criança e do Adolescente

Conselho Municipal do Direito da Criança e do Adolescente Conselho Municipal do Direito da Criança e do Adolescente EDITAL DE CONVOCAÇÃO Nº 001/2014 SELEÇÃO DE ENTIDADE DA SOCIEDADE CIVIL PARA INTEGRAR O CONSELHO MUNICIPAL DO DIREITO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE

Leia mais

EDITAL Nº 01 DO CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE - CMDCA

EDITAL Nº 01 DO CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE - CMDCA EDITAL Nº 01 DO CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE - CMDCA O (A) PRESIDENTE DO CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE DE GROAÍRAS-CE CMDCA, no uso da atribuição

Leia mais

CAPÍTULO 1 DOS OBJETIVOS

CAPÍTULO 1 DOS OBJETIVOS UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DA AMAZÔNIA COMISSÃO ELEITORAL EDITAL Nº 01 DA COMISSÃO ELEITORAL, DE 26 DE MARÇO DE 2012. DIVULGA AS NORMAS E CALENDÁRIO ELEITORAL REFERENTE À CONSULTA PRÉVIA PARA OS CARGOS

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE GESTÃO E NEGÓCIOS

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE GESTÃO E NEGÓCIOS SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE GESTÃO E NEGÓCIOS EDITAL N o 01/2014, DO CONSELHO DA FACULDADE DE GESTÃO E NEGÓCIOS Regulamenta a eleição

Leia mais

REGULAMENTO NORMATIVO DA ELEIÇÃO DO DIRETOR DE SAUDE DO TRABALHADORDO SINDSEMP. Sindicato dos Servidores Municipais de Petrolina

REGULAMENTO NORMATIVO DA ELEIÇÃO DO DIRETOR DE SAUDE DO TRABALHADORDO SINDSEMP. Sindicato dos Servidores Municipais de Petrolina REGULAMENTO NORMATIVO DA ELEIÇÃO DO DIRETOR DE SAUDE DO TRABALHADORDO SINDSEMP Sindicato dos Servidores Municipais de Petrolina Eleição triênio 2012/2015 A comissão eleitoral reunida no dia 14.08.2013

Leia mais

SECRETARIA MUNICIPAL DE DIREITOS HUMANOS

SECRETARIA MUNICIPAL DE DIREITOS HUMANOS SECRETARIA MUNICIPAL DE DIREITOS HUMANOS EDITAL DE CADASTRAMENTO DE ENTIDADES NÃO GOVERNAMENTAIS INTERESSADAS EM PARTICIPAR DO FÓRUM MUNICIPAL DO POVO NEGRO, ONDE SERÃO ELEITOS OS MEMBROS DO MOVIMENTO

Leia mais

ESTATUTO SOCIAL. Denominação, Prerrogativas e Condições de Funcionamento.

ESTATUTO SOCIAL. Denominação, Prerrogativas e Condições de Funcionamento. ESTATUTO SOCIAL CAPÍTULO I Denominação, Prerrogativas e Condições de Funcionamento. Art. 1º O Sindicato das Agências de Propaganda do Estado do Ceará, com sede e foro em Fortaleza, Estado do Ceará, e constituído

Leia mais

CÂMARA PORTUGUESA DE COMÉRCIO E INDÚSTRIA DO RIO DE JANEIRO C.N.P.J. 42.519.785/0001-53 ESTATUTO SOCIAL CAPÍTULO I

CÂMARA PORTUGUESA DE COMÉRCIO E INDÚSTRIA DO RIO DE JANEIRO C.N.P.J. 42.519.785/0001-53 ESTATUTO SOCIAL CAPÍTULO I 1 CÂMARA PORTUGUESA DE COMÉRCIO E INDÚSTRIA DO RIO DE JANEIRO C.N.P.J. 42.519.785/0001-53 ESTATUTO SOCIAL CAPÍTULO I Denominação, Sede, Natureza Jurídica, Duração e Fins Artigo 1º A CÂMARA PORTUGUESA DE

Leia mais

SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE-SUS/BH -------------------------------------------------------------------------

SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE-SUS/BH ------------------------------------------------------------------------- SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE-SUS/BH ------------------------------------------------------------------------- Nos termos do art. 21 do Decreto 8869 de 19 de agosto de 1996, o Regimento Interno da Junta

Leia mais

EDITAL PARA ELEIÇÃO INTERNA DOS MEMBROS DO COMITÊ DE ÉTICA EM PESQUISA DA FEPPS- (CEP/FEPPS)

EDITAL PARA ELEIÇÃO INTERNA DOS MEMBROS DO COMITÊ DE ÉTICA EM PESQUISA DA FEPPS- (CEP/FEPPS) Edital 01/2015 A Diretora Presidente desta Fundação, no uso de suas atribuições, faz saber que será realizada no dia 15/12/2015, das 9 às 15h eleições para escolha dos membros do Comitê de Ética em Pesquisa

Leia mais

Estatuto CAPPF ESTATUTO DO CENTRO ACADÊMICO PROFESSOR PAULO FREIRE TÍTULO I

Estatuto CAPPF ESTATUTO DO CENTRO ACADÊMICO PROFESSOR PAULO FREIRE TÍTULO I Estatuto CAPPF O Estatuto do CAPPF precisou ser modificado para ser adequado ao Código Civil. O novo estatuto foi aprovado em Assembléia dos Estudantes da FEUSP com pauta específica no dia 23 de abril.

Leia mais

Estado de Alagoas Conselho Municipal de Assistência Social Campo Alegre AL

Estado de Alagoas Conselho Municipal de Assistência Social Campo Alegre AL Estado de Alagoas Conselho Municipal de Assistência Social Campo Alegre AL RESOLUÇÃO Nº 001/2016 O Conselho Municipal de Assistência Social, no uso de suas atribuições que lhe confere a lei 318/97, reunido

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO I. DENOMINAÇÃO / SEDE

REGULAMENTO INTERNO I. DENOMINAÇÃO / SEDE I. DENOMINAÇÃO / SEDE Art.º 1.º A Instinto, Associação Protetora de Animais da Covilhã, é uma associação sem fins lucrativos, que se rege pelos Estatutos, pelo presente Regulamento Interno e demais disposições

Leia mais

LICITAÇÃO Nº 238/2013 CONCORRÊNCIA

LICITAÇÃO Nº 238/2013 CONCORRÊNCIA LICITAÇÃO Nº 238/2013 CONCORRÊNCIA O Município de Eldorado do Sul, de conformidade com a Lei Federal nº 8.666/93 e Lei Municipal nº 3.907, de 05 de julho de 2013, torna público, para conhecimento dos interessados

Leia mais

ESTATUTO SINDICATO DOS ENGENHEIROS DE SERGIPE

ESTATUTO SINDICATO DOS ENGENHEIROS DE SERGIPE ESTATUTO SINDICATO DOS ENGENHEIROS DE SERGIPE Aprovado em Assembléia Geral Extraordinária realizada no dia 01110/2011 Capítulo I - DA DENOMINACÃO, DOS FINS E DA SEDE Art. 1. - O Sindicato dos Engenheiros

Leia mais

EDITAL FAPES Nº 003/2010

EDITAL FAPES Nº 003/2010 EDITAL FAPES Nº 003/2010 Seleção de propostas a serem apresentadas pelos Programas de Pósgraduação stricto sensu do estado do Espírito Santo, visando à concessão de quotas de bolsas para formação de recursos

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO DE ESTAGIÁRIOS N.º 01/2015 (Atualizado com Errata nº 01)

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO DE ESTAGIÁRIOS N.º 01/2015 (Atualizado com Errata nº 01) EDITAL DO PROCESSO SELETIVO DE ESTAGIÁRIOS N.º 01/2015 (Atualizado com Errata nº 01) A Câmara Municipal de Palmital, Estado de São Paulo, nos termos do disposto na Lei Complementar 11.788 de 25 de setembro

Leia mais

2. DOS REQUISITOS PARA INSCRIÇÃO

2. DOS REQUISITOS PARA INSCRIÇÃO EDITAL nº 001/2013 - ELEIÇÃO PARA COORDENADOR, VICE- COORDENADOR E REPRESENTANTES DOCENTES E DISCENTES DO CONSELHO DO EM CIÊNCIAS AMBIENTAIS - PPGCA. A FUNDAÇÃO FUNEMAT, pessoa jurídica de direito público

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS (UFMG) COMISSÃO PERMANENTE DO VESTIBULAR (COPEVE) FUNDAÇÃO NACIONAL DO ÍNDIO (FUNAI)

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS (UFMG) COMISSÃO PERMANENTE DO VESTIBULAR (COPEVE) FUNDAÇÃO NACIONAL DO ÍNDIO (FUNAI) UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS (UFMG) COMISSÃO PERMANENTE DO VESTIBULAR (COPEVE) FUNDAÇÃO NACIONAL DO ÍNDIO (FUNAI) EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2010 UFMG/FUNAI A Universidade Federal de Minas Gerais

Leia mais

ESTATUTO DO SINDICATO DOS EMPREGADOS EM PROCESSAMENTO DE DADOS, INFORMÁTICA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO ESTADO DO AMAPÁ SINDPD-AP CAPÍTULO I

ESTATUTO DO SINDICATO DOS EMPREGADOS EM PROCESSAMENTO DE DADOS, INFORMÁTICA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO ESTADO DO AMAPÁ SINDPD-AP CAPÍTULO I ESTATUTO DO SINDICATO DOS EMPREGADOS EM PROCESSAMENTO DE DADOS, INFORMÁTICA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO ESTADO DO AMAPÁ SINDPD-AP CAPÍTULO I DO SINDICATO E SEUS FINS Art. 1º O SINDICATO DOS EMPREGADOS EM

Leia mais

ATO DELIBERATIVO 27/2015. O Conselho Deliberativo da Fundação CELESC de Seguridade Social - CELOS, no uso de suas atribuições e,

ATO DELIBERATIVO 27/2015. O Conselho Deliberativo da Fundação CELESC de Seguridade Social - CELOS, no uso de suas atribuições e, ATO DELIBERATIVO 27/2015 O Conselho Deliberativo da Fundação CELESC de Seguridade Social - CELOS, no uso de suas atribuições e, CONSIDERANDO a necessidade de atualizar as disposições do Ato Deliberativo

Leia mais

QUARTA REFORMA DO ESTATUTO DO SINDICATO DOS DESPACHANTES DE VEÍCULOS DO ESTADO DO CEARÁ-SINDEVECE CAPITULO I DA DENOMINAÇÃO, SEDE E OBJETIVOS

QUARTA REFORMA DO ESTATUTO DO SINDICATO DOS DESPACHANTES DE VEÍCULOS DO ESTADO DO CEARÁ-SINDEVECE CAPITULO I DA DENOMINAÇÃO, SEDE E OBJETIVOS QUARTA REFORMA DO ESTATUTO DO SINDICATO DOS DESPACHANTES DE VEÍCULOS DO ESTADO DO CEARÁ-SINDEVECE CAPITULO I DA DENOMINAÇÃO, SEDE E OBJETIVOS Art.1º - O Sindicato dos Despachantes Documentalistas do Ceará

Leia mais

SINDICATO RURAL PATRONAL DE TOLEDO ESTATUTO

SINDICATO RURAL PATRONAL DE TOLEDO ESTATUTO SINDICATO RURAL PATRONAL DE TOLEDO ESTATUTO CAPÍTULO I Denominação, Sede, Foro, Jurisdição Objetivos e Prerrogativas 1º. O Sindicato Rural de Toledo, entidade sindical de 1º grau, com sede e foro na cidade

Leia mais

CAPÍTULO II: DA COMISSÃO ELEITORAL

CAPÍTULO II: DA COMISSÃO ELEITORAL EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE ELEIÇÕES PARA A DIRETORIA DO CENTRO ACADÊMICO DO CURSO DE FÍSICA CAFÍS Edital 01/2012 A Comissão Eleitoral eleita em Assembleia Geral do Curso de Licenciatura em Física realizada

Leia mais

REGULAMENTO ELEITORAL

REGULAMENTO ELEITORAL REGULAMENTO ELEITORAL Setembro de 2012 I - DA ELEIÇÃO ELEIÇÕES PARA PRESIDENTE DA FIOCRUZ - 2012 REGULAMENTO ELEITORAL Artigo 1º - A eleição do presidente da Fiocruz será autorizada e acompanhada pelo

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DA ASSOCIAÇÃO VOLUNTÁRIOS PARA O SERVIÇO INTERNACIONAL - BRASIL CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

REGIMENTO INTERNO DA ASSOCIAÇÃO VOLUNTÁRIOS PARA O SERVIÇO INTERNACIONAL - BRASIL CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES REGIMENTO INTERNO DA ASSOCIAÇÃO VOLUNTÁRIOS PARA O SERVIÇO INTERNACIONAL - BRASIL CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Artigo 1º - O Regimento Interno da Associação Voluntários para o Serviço Internacional

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 6/2013 (ELEIÇÕES-IBDFAM) ADITIVO

RESOLUÇÃO Nº 6/2013 (ELEIÇÕES-IBDFAM) ADITIVO RESOLUÇÃO Nº 6/2013 (ELEIÇÕES-IBDFAM) ADITIVO Dispõe sobre os procedimentos, critérios, condições de elegibilidade, normas de campanha eleitoral e pressupostos de proclamação dos eleitos nas eleições do

Leia mais

SOCIEDADE PAULISTA DE RADIOLOGIA E DIAGNOSTICO POR IMAGEM

SOCIEDADE PAULISTA DE RADIOLOGIA E DIAGNOSTICO POR IMAGEM 48 SOCIEDADE PAULISTA DE RADIOLOGIA E DIAGNOSTICO POR IMAGEM. CD.o ~ g C.N.P.J NO49.410.145/0001-50 REGIMENTO ELEITORAL Artigo 1 - As eleições para a Diretoria da Sociedade Paulista de Radiologia e Diagnóstico

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DO CONSELHO REGIONAL DE ECONOMIA 1ª REGIÃO-RJ. CAPÍTULO I Constituição e Jurisdição

REGIMENTO INTERNO DO CONSELHO REGIONAL DE ECONOMIA 1ª REGIÃO-RJ. CAPÍTULO I Constituição e Jurisdição REGIMENTO INTERNO DO CONSELHO REGIONAL DE ECONOMIA 1ª REGIÃO-RJ CAPÍTULO I Constituição e Jurisdição Art. 1º - O Conselho Regional de Economia da 1ª Região tem sede e foro na cidade do Rio de Janeiro e

Leia mais

Manual de Convenção. Um ano antes da Convenção Data limite de filiação para ser eleito delegado.

Manual de Convenção. Um ano antes da Convenção Data limite de filiação para ser eleito delegado. Manual de Convenção Um ano antes da Convenção Data limite de filiação para ser eleito delegado. Seis meses antes da Convenção Data limite de filiação para votar e ser votado nas Convenções Municipais.

Leia mais

EDITAL COMISSÃO ELEITORAL CENTRAL Nº 01, DE 24 DE MAIO DE 2016.

EDITAL COMISSÃO ELEITORAL CENTRAL Nº 01, DE 24 DE MAIO DE 2016. EDITAL COMISSÃO ELEITORAL CENTRAL Nº 01, DE 24 DE MAIO DE 2016. PROCESSO DE ESCOLHA DOS REPRESENTANTES DOCENTES, TÉCNICOS ADMINISTRATIVOS EM EDUCAÇÃO, DISCENTES, E EGRESSOS, PARA COMPOSIÇÃO DO CONSELHO

Leia mais

Eleição e competências das Comissões de Ética Médica - Resolução: 1657 de 19/12/2002

Eleição e competências das Comissões de Ética Médica - Resolução: 1657 de 19/12/2002 Eleição e competências das Comissões de Ética Médica - Resolução: 1657 de 19/12/2002 Ementa: Estabelece normas de organização, funcionamento e eleição, competências das Comissões de Ética Médica dos estabelecimentos

Leia mais

ESTATUTOS. CAPÍTULO I Da Denominação, Sede e Âmbito de Acção e Fins

ESTATUTOS. CAPÍTULO I Da Denominação, Sede e Âmbito de Acção e Fins CAPÍTULO I Da Denominação, Sede e Âmbito de Acção e Fins Artigo 1º A Associação Grãos de Gente Creche e Jardim-de-Infância do Campus da Quinta do Marquês é uma instituição particular de solidariedade social

Leia mais

ESTATUTO SOCIAL. do Sindicato dos Empregados em Transporte Rodoviário de Carga Seca do Estado do Rio Grande do Sul - SINECARGA.

ESTATUTO SOCIAL. do Sindicato dos Empregados em Transporte Rodoviário de Carga Seca do Estado do Rio Grande do Sul - SINECARGA. ESTATUTO SOCIAL do Sindicato dos Empregados em Transporte Rodoviário de Carga Seca do Estado do Rio Grande do Sul - SINECARGA. DA DENOMINAÇÃO, DA SEDE, DA FINALIDADE E DA DURAÇÃO. Art. 1º O Sindicato dos

Leia mais

Câmara Portuguesa de Comércio no Brasil - São Paulo

Câmara Portuguesa de Comércio no Brasil - São Paulo REGULAMENTO DO CENTRO DE MEDIAÇÃO E ARBITRAGEM DA CÂMARA PORTUGUESA DE COMÉRCIO NO BRASIL SÃO PAULO Artigo 1º O Centro de Arbitragem 1.1. O Centro de Mediação e Arbitragem da Câmara Portuguesa de Comércio

Leia mais

O PREFEITO MUNICIPAL DO SALVADOR, CAPITAL DO ESTADO DA BAHIA, no uso de suas atribuições,

O PREFEITO MUNICIPAL DO SALVADOR, CAPITAL DO ESTADO DA BAHIA, no uso de suas atribuições, CONSELHOS COMUNITÁRIOS Órgão/Sigla: Natureza Jurídica: Vinculação: Finalidade: CONSELHOS COMUNITÁRIOS ORGAO COLEGIADO GABINETE DO PREFEITO Tornar os cidadãos parte ativa no exercício do governo, mediante

Leia mais

Sindicato dos Despachantes Aduaneiros ESTATUTO SOCIAL CAPITULO I SEÇÃO I DOS OBJETIVOS

Sindicato dos Despachantes Aduaneiros ESTATUTO SOCIAL CAPITULO I SEÇÃO I DOS OBJETIVOS Sindicato dos Despachantes Aduaneiros ESTATUTO SOCIAL CAPITULO I SEÇÃO I DOS OBJETIVOS Art.1 O SINDICATO DOS DESPACHANTES ADUANEIROS, sucessor do SINDICATO DOS DESPACHANTES ADUANEIROS DE PARANAGUÁ, por

Leia mais

Reitoria. Universidade do Minho, 28 de março de 2014

Reitoria. Universidade do Minho, 28 de março de 2014 Reitoria despacho RT-14/2014 Ao abrigo do disposto no n.º 2 do artigo 37.º e no n.º 2 do artigo 51.º dos Estatutos da Universidade do Minho, aprovados pelo Despacho Normativo n.º 61/2008, de 5 de dezembro

Leia mais

INSTITUIÇÕES DE ENSINO DEVIDAMENTE CONVENIADAS COM A PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA

INSTITUIÇÕES DE ENSINO DEVIDAMENTE CONVENIADAS COM A PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA EDITAL PARA EXAME DE SELEÇÃO PÚBLICA DE ACADÊMICOS DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO DE INSTITUIÇÕES DE ENSINO DEVIDAMENTE CONVENIADAS COM A PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA A Procuradoria-Geral de Justiça do Ministério

Leia mais

REGIMENTO ELEITORAL CONSELHO DE DELEGADOS e CONSELHO FISCAL da ASSUFRGS TÍTULO I DAS ELEIÇÕES. CAPÍTULO I Do Sistema Eleitoral

REGIMENTO ELEITORAL CONSELHO DE DELEGADOS e CONSELHO FISCAL da ASSUFRGS TÍTULO I DAS ELEIÇÕES. CAPÍTULO I Do Sistema Eleitoral REGIMENTO ELEITORAL CONSELHO DE DELEGADOS e CONSELHO FISCAL da ASSUFRGS TÍTULO I DAS ELEIÇÕES CAPÍTULO I Do Sistema Eleitoral Art. 1º Todos os órgãos da ASSUFRGS são representativos e as respectivas eleições

Leia mais

C.N.P.J 44.364.826/0002-96

C.N.P.J 44.364.826/0002-96 EDITAL DE ABERTURA DE PROCESSO SELETIVO Nº3/2013 A Santa Casa de Misericórdia de Assis, por seu Provedor, Sebastião Carlos Aizo, torna pública a abertura de inscrições ao Processo Seletivo, para preenchimento

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO SECRETARIA DE ESTADO DA CULTURA

GOVERNO DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO SECRETARIA DE ESTADO DA CULTURA GOVERNO DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO Fax (27) 3132 8383 Telefone: (27) 3132-8351 - e-mail: artescenicas@secult.es.gov.br O ESTADO DO ESPÍRITO SANTO, pessoa jurídica de direito público interno, por intermédio

Leia mais

PROPOSTA DE ESTATUTOS DA ASSOCIAÇÃO DE PAIS DO CONSERVATÓRIO DE MÚSICA DE SÃO JOSÉ, DA GUARDA

PROPOSTA DE ESTATUTOS DA ASSOCIAÇÃO DE PAIS DO CONSERVATÓRIO DE MÚSICA DE SÃO JOSÉ, DA GUARDA PROPOSTA DE ESTATUTOS DA ASSOCIAÇÃO DE PAIS DO CONSERVATÓRIO DE MÚSICA DE SÃO JOSÉ, DA GUARDA Capítulo I Da denominação, natureza e fins Artigo 1º Denominação A Associação de Pais e Encarregados de Educação

Leia mais

FENAJ - Federação Nacional dos Jornalistas REGIMENTO INTERNO DAS COMISSÕES DE ÉTICA DOS SINDICATOS DOS JORNALISTAS

FENAJ - Federação Nacional dos Jornalistas REGIMENTO INTERNO DAS COMISSÕES DE ÉTICA DOS SINDICATOS DOS JORNALISTAS FENAJ - Federação Nacional dos Jornalistas REGIMENTO INTERNO DAS COMISSÕES DE ÉTICA DOS SINDICATOS DOS JORNALISTAS RESOLUÇÃO CNE Nº 01/2009 DE 05/05/2009 Título I - Do Regimento Art. 1º Este Regimento

Leia mais

REGULAMENTO DO PROCESSO ELEITORAL PARA O CONSELHO DELIBERATIVO AUTÁRQUICO DA AUTARQUIA EDUCACIONAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO - AEVSF

REGULAMENTO DO PROCESSO ELEITORAL PARA O CONSELHO DELIBERATIVO AUTÁRQUICO DA AUTARQUIA EDUCACIONAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO - AEVSF REGULAMENTO DO PROCESSO ELEITORAL PARA O CONSELHO DELIBERATIVO AUTÁRQUICO DA AUTARQUIA EDUCACIONAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO - AEVSF CAPÍTULO I - OBJETO Artigo 1º. Este Regulamento disciplina o Processo

Leia mais

ELEIÇÕES GERAIS 2015 EDITAL DE CONVOCAÇÃO

ELEIÇÕES GERAIS 2015 EDITAL DE CONVOCAÇÃO ELEIÇÕES GERAIS 2015 EDITAL DE CONVOCAÇÃO A ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL SECCIONAL DO ACRE, nos termos dos artigos 63 a 67 da Lei nº 8.906/94 (Estatuto da Advocacia e da OAB) e dos artigos 128 a 137-C

Leia mais

Art. 1 2 A Eleição para os cargos de Delegado Efetivo e Suplente do SICOOB CREDFAZ SERVIDOR FEDERAL, reger-se-á pelo Estatuto e por este Regulamento.

Art. 1 2 A Eleição para os cargos de Delegado Efetivo e Suplente do SICOOB CREDFAZ SERVIDOR FEDERAL, reger-se-á pelo Estatuto e por este Regulamento. V COOPERATIVA DE ECONOMIA E CRÉDITO MÚTUO DOS SERVIDORES DO MINISTÉRIO' DA FAZENDA e dos ÓRGÃOS VINCULADOS À PRESIDÉNCIA DA REPÚBLICA LTDA SICOOB CREDFAZ SERVIDOR FEDERAL 1 SI B Ed. CREDFAZ - SCS - Q.

Leia mais

Normas para o Processo Eleitoral da ABHB Eleições Triênio 2015 2018

Normas para o Processo Eleitoral da ABHB Eleições Triênio 2015 2018 Normas para o Processo Eleitoral da ABHB Eleições Triênio 2015 2018 A Associação Brasileira de Hereford e Braford (ABHB), de acordo com o Estatuto Social aprovado em 29 de abril de 2010 (conforme o art.

Leia mais

Estatuto do Sindicato dos Contabilistas de Uberaba SCU

Estatuto do Sindicato dos Contabilistas de Uberaba SCU Estatuto do Sindicato dos Contabilistas de Uberaba SCU 1 ARTIGO 1º - DENOMINAÇÃO, SEDE, FINALIDADE E DURAÇÃO; SINDICATO DOS CONTABILISTAS DE UBERABA, neste estatuto designado, simplesmente, SCU, fundado

Leia mais

ESTATUTO DO SINDICATO DOS TRABALHADORES NO SERVIÇO PÚBLICO DO ESTADO DE GOIÁS -SINDIPÚBLICO GOIÁS-

ESTATUTO DO SINDICATO DOS TRABALHADORES NO SERVIÇO PÚBLICO DO ESTADO DE GOIÁS -SINDIPÚBLICO GOIÁS- ESTATUTO DO SINDICATO DOS TRABALHADORES NO SERVIÇO PÚBLICO DO ESTADO DE GOIÁS -SINDIPÚBLICO GOIÁS- Aprovado em 21 de janeiro de 2014 Estatuto do SINDIPÚBLICO GOIÁS Página 1 TÍTULO I DA CONSTITUIÇÃO, PRERROGATIVAS,

Leia mais

ESTATUTO SOCIAL DO SINDICATO DOS MÉDICOS DE ANÁPOLIS. Capítulo 1. Da Constituição, Finalidade, Prerrogativas e Deveres

ESTATUTO SOCIAL DO SINDICATO DOS MÉDICOS DE ANÁPOLIS. Capítulo 1. Da Constituição, Finalidade, Prerrogativas e Deveres ESTATUTO SOCIAL DO SINDICATO DOS MÉDICOS DE ANÁPOLIS Capítulo 1 Da Constituição, Finalidade, Prerrogativas e Deveres Seção I Constituição e Finalidade Artigo 1º - O Sindicato dos Médicos de Anápolis é

Leia mais

(Reconhecida como de Utilidade Pública para o Município de Belém. Lei nº 8.279, de 10.12.2003) REGIMENTO ELEITORAL (COOPANEST-PA)

(Reconhecida como de Utilidade Pública para o Município de Belém. Lei nº 8.279, de 10.12.2003) REGIMENTO ELEITORAL (COOPANEST-PA) 1 REGIMENTO ELEITORAL (COOPANEST-PA) Aprovado em Assembléia Geral do dia 18 de maio de 1994, reformado em Assembléia Geral Extraordinária do dia 13 de fevereiro de 2003, 29 de fevereiro de 2008 e 14 de

Leia mais

2. Revogar o Regulamento Eleitoral para eleições do Conselho Diretor e do Conselho Fiscal, gestão 2014/2015; 5. Outros assuntos de interesse social.

2. Revogar o Regulamento Eleitoral para eleições do Conselho Diretor e do Conselho Fiscal, gestão 2014/2015; 5. Outros assuntos de interesse social. Ct. ANTP/ 024/2014 São Paulo, 7 de fevereiro de 2014 Prezado Associado, A fim de cumprir exigências legais registrárias, ficam os Senhores Associados convocados, na forma do 3º do art. 21 e dos artigos.

Leia mais

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE REUNIÃO PARA ELEIÇÃO DOS REPRESENTANTES DA SOCIEDADE CIVIL NA COMPOSIÇÃO DO CONSELHO ESTADUAL DE COMUNICAÇÃO SOCIAL

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE REUNIÃO PARA ELEIÇÃO DOS REPRESENTANTES DA SOCIEDADE CIVIL NA COMPOSIÇÃO DO CONSELHO ESTADUAL DE COMUNICAÇÃO SOCIAL GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA SECRETARIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL - SECOM 3ª Av.nº 390, Plataforma IV, 1ºandar, CAB.CEP: 41.745-005 Salvador - Bahia Brasil Tel e Fax: (71) 311566644/6025- site: www.secom.ba.gov.br

Leia mais

Edital nº. 01 de 21 de janeiro de 2015

Edital nº. 01 de 21 de janeiro de 2015 Edital nº. 01 de 21 de janeiro de 2015 O Presidente da ASSOCIAÄÅO DOS SERVIDORES DO MINISTÇRIO PÉBLICO (ASSEMPECE), no uso da atribuiñöo que lhe outorga o art. 19, inc. II, do Estatuto Social da Entidade,

Leia mais

Estatuto do Sindicato das Agências de Propaganda do Estado de Minas Gerais - SINAPRO-MG

Estatuto do Sindicato das Agências de Propaganda do Estado de Minas Gerais - SINAPRO-MG Estatuto do Sindicato das Agências de Propaganda do Estado de Minas Gerais - SINAPRO-MG Arquivado no Ministério do Trabalho e Emprego e Averbado com registro de nº 88.838, no Cartório de Registro Civil

Leia mais

CRONOGRAMA DO CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES 2015/2º SEM.

CRONOGRAMA DO CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES 2015/2º SEM. CRONOGRAMA DO CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES 2015/2º SEM. ATIVIDADES DATAS Publicação do Edital 29 de agosto de 2015 Período de inscrições de 31 de agosto a 29 de setembro de 2015 Período de realização

Leia mais

Art. 2º Esta Resolução entra em vigor na data de sua publicação.

Art. 2º Esta Resolução entra em vigor na data de sua publicação. RESOLUÇÃO Nº 036/2012, DE 14 DE SETEMBRO DE 2012 Aprova as normas para concurso público de provimento de cargos de Professor de Nível Médio/Profissionalizante, Administrador Escolar, Supervisor Pedagógico

Leia mais

SINDICATO DOS SERVIDORES DO FISCO ESTADUAL DO PARÁ SINDIFISCO/PA

SINDICATO DOS SERVIDORES DO FISCO ESTADUAL DO PARÁ SINDIFISCO/PA SINDICATO DOS SERVIDORES DO FISCO ESTADUAL DO PARÁ SINDIFISCO/PA ESTATUTO TÍTULO I Da Constituição, Finalidade, Direitos e Deveres CAPÍTULO I Do Sindicato Seção I Da Constituição Art. 1º OSINDICATO DOS

Leia mais

EDITAL DE CONVOCAÇÃO Nº 01, DE 02 DE OUTUBRO DE 2014

EDITAL DE CONVOCAÇÃO Nº 01, DE 02 DE OUTUBRO DE 2014 EDITAL DE CONVOCAÇÃO Nº 01, DE 02 DE OUTUBRO DE 2014 O CONSELHO NACIONAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE CONANDA, faz publicar o Edital de Convocação para a eleição das entidades da sociedade

Leia mais

CAPÍTULO I. Da Denominação, Sede, Duração e Fins

CAPÍTULO I. Da Denominação, Sede, Duração e Fins CAPÍTULO I Da Denominação, Sede, Duração e Fins Artigo 1 - A Associação dos Auditores Fiscais da Prefeitura Municipal de Campinas é uma sociedade civil, com sede e foro na Cidade de Campinas, na rua General

Leia mais

EDITAL DE CONVOCAÇAO DAS ELEIÇOES

EDITAL DE CONVOCAÇAO DAS ELEIÇOES EDITAL DE CONVOCAÇAO DAS ELEIÇOES O Presidente da Comissao Eleitoral, no pleno exercicio de seus encargos e fulcrado no artigo 100 da Carta Estatutaria da Associaçao dos Servidores da Universidade Federal

Leia mais