Manual. GerTC Linux REV. 00

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Manual. GerTC Linux REV. 00"

Transcrição

1 Manual GerTC Linux REV. 00

2 Índice INTRODUÇÃO...3 INFORMAÇÕES TÉCNICAS DOS PROGRAMAS...4 TCgertec...4 server...4 INSTALAÇÃO...4 Biblioteca...4 Servidor...5 UTILIZAÇÃO...6 COMO TRATAR PROPAGANDAS...7 Funcionamento...7 Configurando as propagandas...7 COMO TRATAR PRE IMAGES (TC504)...8 APELIDOS...9 COMANDOS...10 Tabela de Terminais Conectados...10 Parar Servidor...10 Envio de Texto...11 Envio de Imagem...11 Tratamento de Propagandas...11 Tratamento de Pre Images (TC504)...12 Consulta e Alteração das Configurações...12 Configurações especiais (TC504)...14 Reinício dos Terminais...14 Seleção de Idiomas...15 COMANDOS PARA VÁRIOS TERMINAIS...15 IDIOMAS...16 ONDE ESTÃO OS ARQUIVOS?...18 BANCO DE DADOS...19 Banco de dados TXT...19 Banco de dados CÓDIGO DAS CORES

3 INTRODUÇÃO Este servidor é um exemplo de uma aplicação usando a biblioteca libtcgertec.so para os terminais de consulta. Este software possui exemplos de uso das funções da lib afim de auxiliar os desenvolvedores na criação de softwares para os terminais de consulta GERTEC em plataformas LINUX. Este programa é totalmente OpenSource, podendo o usuário utilizá lo como padrão ou podendo alterá lo para adaptá lo à sua real necessidade. Analisando o uso do Linux como servidor, notamos que na maioria das vezes não é utilizado ambientes gráficos (KDE, GNOME entre outros), mas sim o modo texto. Por este motivo, o ambiente do GerTC LINUX é totalmente texto. O GerTC é composto por dois programas: Um é responsável pela conexão dos terminais e tratamentos dos eventos (leitura de códigos de barras, cartões magnéticos e botões). O outro é uma interface para o administrador dos terminais poder realizar alguma tarefa exclusiva (alterar configurações, envio de textos e imagens instantâneas, reiniciar algum terminal etc.) 3

4 INFORMAÇÕES TÉCNICAS DOS PROGRAMAS TCGERTEC Utiliza todas as funcionalidades da biblioteca libtcgertec.so ; Enquanto estiver em funcionamento o sistema operacional está livre para efetuar outros comando e acessar outros softwares; Para a comunicação com o programa server utiliza a técnica Message Queue 1 ; Para o tratamento de processos paralelos, este software usa THREADS 2 ; Este programa pode efetuar as consultas de dois modos, por arquivos TXT ou pelo bastando apenas alterar o arquivo MakeFile (para maiores detalhes, ver capítulo de instalação); SERVER Este programa é uma interface para o programa TCgertec ; Para tratar a comunicação com o programa TCgertec, utiliza a técnica Message Queue. Com isso pode se criar outros modelos de interfaces para o programa (apenas mantendo as configurações do Message Queue); Os processos paralelos são tratados por THREADS; As mensagens para o usuário vêm de um arquivo.txt encontrado na pasta idiomas. Isso faz com que o programa possua suporte a vários idiomas; INSTALAÇÃO BIBLIOTECA 1 Entre como usuário ROOT; 2 Mova o arquivo libtcgertec.so.x.y para a pasta /usr/local/lib ; mv libtcgertec.so.x.y /usr/local/lib OBS: x e y são números indicando a versão da biblioteca; 3 Verifique se o arquivo /etc/ld.so.conf possui a linha /usr/local/lib, caso não tenha, adicione a no final do arquivo; 4 Salve e feche o arquivo /etc/ld.so.conf ; 5 Vá para a pasta /usr/local/lib; cd /usr/local/lib 1 Técnica usada para efetuar uma comunicação entre dois ou mais programas. 2 Recurso usado para criar processos paralelos 4

5 6 Execute o comando: /sbin/ldconfig 7 Crie um link para a lib; ln n libtcgertec.so.x libtcgertec.so SERVIDOR Vá até a pasta na qual está descompactado o fonte; Se desejar utilizar a base de dados em TXT: Entre com o comando make para compilar os programas; Para limpar os arquivos (*.o) entre com o comando make clean ; Para usar a base de dados pelo Abra o arquivo makefile ; Comente as linhas referente a versão TXT e descomente as linhas referente a versão como mostrado abaixo (Para comentar a linha somente coloque na frente o símbolo # ); gcc c language.c # ============Versão TXT============ TCgertec.o: TCgertec.c gcc c TCgertec.c tabelas.o: tabelas.c gcc c tabelas.c TCgertec: TCgertec.o images.o tabelas.o gcc o TCgertec TCgertec.o tabelas.o... #=================================== # ============Versão MySQL============ #TCgertec_Mysql.o:TCgertec_Mysql.c # gcc c TCgertec_Mysql.c #tabelas_mysql.o:tabelas_mysql.c # gcc c tabelas_mysql.c #TCgertec:TCgertec_Mysql.o tabelas_mysql.o... # gcc o TCgertec TCgertec_Mysql.o... #==================================== server: server.o language.o gcc c language.c # ============Versão TXT============ #TCgertec.o: TCgertec.c # gcc c TCgertec.c #tabelas.o: tabelas.c # gcc c tabelas.c #TCgertec: TCgertec.o images.o tabelas.o # gcc o TCgertec TCgertec.o tabelas.o... #=================================== # ============Versão MySQL============ TCgertec_Mysql.o:TCgertec_Mysql.c gcc c TCgertec_Mysql.c tabelas_mysql.o:tabelas_mysql.c gcc c tabelas_mysql.c TCgertec:TCgertec_Mysql.o tabelas_mysql.o... gcc o TCgertec TCgertec_Mysql.o... #==================================== server: server.o language.o Salve e feche o arquivo makefile ; 5

6 Abra o arquivo tabelas_mysql.h ; Altere as linhas 6, 7, 8, 9, 10, 11 e 12 com as configurações referentes ao usuario, senha, banco de dados, tabela dos produtos, campo das barras, tabela dos cartões e o campo com o código respectivamente; Exemplo: Suponha as seguintes configurações: Usuário do MySQL: root; Senha do Usuário: Base de dados: Produtos; Tabela de preço: Precos; Tabela de cartões: Cartoes; Campo que possui os codigos de barras: barras; Campo que possui as trilhas dos cartões: code; A alteração no arquivo tabelas_mysql.h ficaria assim: #include <mysql/mysql.h> #define USER "root" #define PASS "123456" #define DATABASE "Produtos" #define PRICE "Precos" #define BARCODEL "barras" #define CARD "Cartoes" #define CARDCODEL "code" OBS: As informações devem estar entre aspas ( ). #pragma pack(push,1) Salve e feche o arquivo; Entre com o comando make para compilar os programas; Para limpar os arquivos (*.o) entre com o comando make clean ; OBS: Estas alterações estão sendo efetuadas diretamente no código fonte do programa (antes da compilação). Por isso tome muito cuidado, qualquer alteração errada pode fazer o programa não funcionar. UTILIZAÇÃO Para usar o servidor, sempre execute o comando./tcgertec& (na pasta do programa). Neste momento, os terminais já estarão se conectando e as consultas podem ser realizadas normalmente. Caso queira realizar alguma alteração de configuração, envio de mensagens ou de imagens 6

7 instantâneas etc, utilize o outro programa com o comando./server. OBS: O programa server pode ser usado a qualquer momento desde que o TCgertec esteja em funcionamento. OBS2: Por ser em modo texo, os programas facilitam os desenvolvedores a entenderem o seu funcionamento e implementarem novas funções para melhorá lo de acordo com a sua real necessidade. COMO TRATAR PROPAGANDAS Ao se conectar um TC504 ou TC505 automaticamente começará um loop de imagens e animações. Este loop pode ser alterado de acordo com a necessidade do cliente. Neste capítulo vamos ensinar como funciona o loop de imagens do terminal de consulta e como alterá lo. FUNCIONAMENTO Para os terminais de consultas TC504, as imagem devem conter no máximo 256 cores e com resolução de 320x240. Os arquivos conhecidos pelo terminais são GIF e BMP Para o TC505, é necessário que a imagem contenha 128x64 e monocromáticas. Os arquivos devem ser GIF ou BMP. No TC504, as imagens de propagandas ficam na memória do terminal. Ao se conectarem os terminais automaticamente carregam as propagandas e iniciam o loop. Para o TC505, ao se conectarem é necessário que o servidor envie as imagens de propagandas. Caso não sejam enviadas o terminal mostrará em seu display os textos pré estabelecidos. CONFIGURANDO AS PROPAGANDAS TC504 No programa server use o comando createadv504 ; Neste momento serão solicitado um nome para o arquivo de propagandas e informações sobre as imagens que serão enviadas para o terminal. OBS: Certifique se que a imagem esteja na pasta images do programa servidor e o nome da imagem esteja escrito corretamente. OBS2: Caso o arquivo de propagandas já esteja criado com as suas imagens, não é necessário executar este comando. Apenas se quiser criar outro arquivo de propagandas. Agora execute o comando sendadv para enviar as imagens para o terminal, deve ser informado o nome do arquivo de propagandas; Note que o terminal carregará as novas propagandas. 7

8 TC505 O terminal de consulta TC505 não possui memória para o armazenamento de imagens. As imagens de propagandas são enviadas automaticamente no momento em que os terminais se conectam. Para preparar as propagandas para este terminal execute os seguintes passos: No programa server, execute o comando createadv para criar o arquivo images.txt; Neste momento serão solicitadas informações para o usuário sobre as imagens que serão enviadas para o terminal. OBS: Certifique se que a imagem esteja na pasta images do programa servidor e o nome da imagem esteja escrito corretamente. OBS2: Caso o arquivo images.txt já esteja criado com as suas propagandas, não é necessário executar este comando A partir de agora, qualquer terminal TC505 que se conectar ao servidor receberá essas novas propagandas. OBS3: Caso queira que os terminais que já estejam conectados recebam essas novas propagandas, é necessário reiniciá los. COMO TRATAR PRE-IMAGES (TC504) As pre images, são imagens que ficam no terminal de consulta para serem usadas como padrão em alguns casos (mostrar o preço de um produto que não tem imagem especial, pode se usar uma pre image com o nome do estabelecimento, ao passar um cartão, uma tecla pressionada etc...). O tratamento de pre images é muito semelhante ao de propagandas. Execute o comando createpre no programa server ; Neste momento serão solicitado o nome do arquivo e as informações sobre as imagens que serão enviadas para o terminal. OBS: Certifique se que a imagem esteja na pasta images do programa servidor e o nome da imagem esteja escrito corretamente. OBS2: Caso o arquivo com as preimges já esteja criado com as suas imagens, não é necessário executar este comando Use o comando sendpre para enviar para o terminal as imagens; 8

9 APELIDOS Este software possui suporte a apelidos, nomes que o usuário pode dar aos terminais de consulta para facilitar a localização; Para usar este suporte, certifique se de que a rede esteja configurada para IP fixo. Abra o arquivo./tables/names.txt ; Escreva neste arquivo o IP do terminal e o apelido, que será dado, como mostra o exemplo: Terminal Terminal Terminal Terminal Terminal 5 OBS: Siga sempre a sintax: ip apelido, caso essa regra não esteja correta, causará erro na hora de mostrar a lista de terminais. O programa servidor esta opção vem como padrão desabilitadao. Para habilita la use o camando names ; Após este comando use o comando tab para verificar a troca das informações dos IPs para o apelido escolhido. OBS: Se não houver cadastro de apelido para um determinado IP, será mostrado o número do IP do terminal como apelido; OBS2: Caso o arquivo esteja em branco, e mostrado o número IP dos terminais; Para desabilita esta função use o comando names novamente; 9

10 COMANDOS OBS: Antes de usar os comandos, verifique a tabela de terminais conectados. Isso pode evitar muitos erros!!! TABELA DE TERMINAIS CONECTADOS Comando: tab Usado para mostrar a tabela de terminais conectados. Use sempre este comando antes de qualquer outro. SCGertec > tab Terminais conectados: 2 ==========Tabela de terminais conectados========== POS IP ( TC505 ) ( TC504 ) O comando tab informa o número de terminais conectados, o POS (posição do terminal na tabela), o IP e o modelo dos terminais. OBS: O POS deve ser sempre informado para os outros comandos. Comando: names Habilita ou desabilita o uso de apelidos para os terminais de consulta. Este comando não pede nenhuma informação do usuário, apenas altera o estado atual do suporte a apelidos. OBS. O apelido é dado ao terminal baseando se no IP. Por este motivo, apenas use este suporte quando a rede estiver configurada para IP fixo. PARAR SERVIDOR Comando: stopserver Este comando, quando executado, pára o programa TCgertec. Comando: exit Este comando, sai do programa server. OBS: Só este comando, não pára o servidor dos terminais. Para isso, use o comando stopserver antes do comando exit. 10

11 ENVIO DE TEXTO Comando: sendtext Envia um texto instantâneo para o display do terminal de consulta. A primeira informação pedida é a posição do terminal na tabela, quando esta é informada o programa identifica se o terminal de consulta é um TC 504 ou outro para tratar os textos. As informações pedidas são diferentes para cada modelo de terminal. Uma mensagem de erro aparecerá para o usuário caso ele informe um terminal que não exista. ENVIO DE IMAGEM Comando: sendimage Envia uma imagem instantânea para o terminal de consulta. A primeira verificação do programa, é verificar se o arquivo de imagem existe na pasta images, caso não exista, o software cancela o comando. OBS: O Linux é um sistema que diferencia letras maiúsculas e minúsculas, por isso, antes de enviar a imagem, certifique se como a mesma está escrita. Caso a imagem não seja encontrada, ocorre o cancelamento do comando. OBS2: Caso a imagem seja enviada para um terminal que não é compatível com imagens (ex. TC 502), não aparecerá nenhuma mensagem de erro. TRATAMENTO DE PROPAGANDAS Comando: createadv504 TC 504 Solicita as informações necessárias para a criação do arquivo do arquivo de propagnadas. Comando: sendadv Envia as propagandas para um terminal TC504. TC 505 Comando: createadv Idem ao comando anterior, porém, cria o arquivo images.txt. OBS: O arquivo images.txt é necessário para tratar as propagandas do TC

12 RE-IMAGES (TC504) TRATAMENTO DE PRE-IMAGES Estes comandos só são compatíveis com os terminais de consulta TC504. Caso outro terminal seja selecionado, aparecerá uma mensagem de error. Comando: createpre504 Pede as informações necessárias para se cria o arquivo para configurar as preimages. Comando: sendpre Envia os arquivos de imagens e o arquivo preimg.cfg para o terminal de consulta. CONSULTA E ALTERAÇÃO DAS CONFIGURAÇÕES Comando: getconfig Recebe e mostra as configurações de um terminal SCGertec > tab Terminais conectados: 2 ==========Tabela de terminais conectados========== POS IP SCGertec > getconfig POS: 0 =============UPD Config============= GateWay: Servidor de nomes: Nome: TC505 Servidor de Atualizacoes: Usuario: gertec Senha: gertec =============PARAM Config============= IPDimanico: 0 Buscar Servidor: 0 Verificar a tabela de terminais conectados; O comando getconfig irá pedir a posição, neste exemplo é um TC505; As configurações atuais do terminal indicado é mostrada na tela; =============Config============= Servidor: Endereco: Mascara de rede: Linha 1: Gertec Linha 2: TC505 Linha 3: Terminal de Linha 4: Consultas Tempo de exibição 5 12

13 Comando: sendconfig Comando compatível apenas para os modelos que usam o protocolo TC501 (TC500, TC501, TC502, TC505 e BuscaPreço). Pede para o usuário as novas configuração (Config) do terminal de consulta e as envia para o terminal. OBS: Antes de usar este comando, sempre requisite as configurações atuais do terminal, isso fará com que não vá informações em branco para o terminal de consulta ( getconfig ). Comando: sendupd Comando compatível apenas para os modelos que usam o protocolo TC501 (TC500, TC501, TC502, TC505 e BuscaPreço). Solicita ao usuário informações de atualização (UPD Config) do terminal de consulta e as envia. OBS: Antes de usar este comando, sempre requisite as configurações atuais do terminal, isso fará com que não vá informações em branco para o terminal de consulta ( getconfig ). Comando: sendparam Comando compatível apenas para os modelos que usam o protocolo TC501 (TC500, TC501, TC502, TC505 e BuscaPreço). Solicita ao usuário informações de parâmetros (PARAM Config) do terminal de consulta e as envia. OBS: Antes de usar este comando, sempre requisite as configurações atuais do terminal, isso fará com que não vá informações em branco para o terminal de consulta ( getconfig ). Comando: sendsetup Comando compatível apenas para o modelo TC504. Solicita ao usuário as configurações do terminal de consulta e as envia. OBS: Antes de usar este comando, sempre requisite as configurações atuais do terminal, isso fará com que não vá informações em branco para o terminal de consulta ( getconfig ). 13

14 CONFIGURAÇÕES ESPECIAIS (TC504) Estes comandos são apenas compatíveis com o terminal de consulta TC504. Comando: setlec Habilita ou desabilita o leitor de cartões magnéticos. Pergunta ao usuário se deseja habilitar ou desabilitar a interface de cartão magnético do terminal de consulta. Comando: setkey Habilita ou desabilita o teclado do terminal de consulta. Pergunta ao usuário se deseja habilitar ou desabilitar o teclado frontal do terminal de consulta. Comando: settime Configura o tempo de exibição dos textos e imagens. Pede o novo tempo de exibição para o usuário. OBS: Para os terminais de consulta TC504 o tempo de exibição (imagens e texto) é fixo (menos para as propagandas). Para alterar este tempo use este comando. Comando: cleardisp Preenche a tela do terminal de consulta com uma cor definida pelo usuário. O nome das cores está na tabela no final deste documento. Pede para o usuário a cor para preencher a tela do terminal (ver lista da cores no capítulo Código das Cores ). REINÍCIO DOS TERMINAIS Este comando é universal, logo, funciona para qualquer modelo de terminal de consulta GERTEC. Comando: restart Este comando reinicia o terminal de consulta. Neste comando somente é pedido o POS do terminal. Normalmente é usado depois de alterar as configurações do produto. 14

15 SELEÇÃO DE IDIOMAS Maiores informações a respeito de idiomas ver no capítulo Idiomas. Comando: changelanguage Altera o idioma do software servidor. SCGertec > changelanguage ================================== English Italiano Portugues Brasil ================================== Escolha um idioma: Portugues Brasil Idioma alterado com sucesso! Deseja tornar padrao este idioma? (1 = Sim, 0 = Não) 1 SCGertec > Mostra a lista de Idiomas instalados no programa; Pede para o usuário escolher o idioma. Altera o idioma do programa; Pergunta se o Idioma será o padrão ou será usado apenas neste momento; COMANDOS PARA VÁRIOS TERMINAIS Em alguns momentos desejamos realizar a mesma tarefas para vários termininais. Por exempo: Envio de textos e imagens instantâneas, configuração de propagandas etc. Este servidor está preparado para efetuar várias funções sem ter que repetir o comando várias vezes. Vamos supor que você queira enviar uma imagem instantânea para os terminais. Basicamente é so usar o comando sendimage para todas os terminais conectados. Isso daria muito trabalho e muito tempo seria gasto para essa tarefa. Para contormar este problema, após o comando sendimage coloque : (dois pontos) seguidos das posições (POS) dos terminais que queira enviar as imagens separados por ; (ponto e vírgula); OBS: sempre coloque o ponto e vírgula no final da linha de comando múltiplos. Ex: sendimage:0;1;2;3;4;5;6; Neste exemplo todos os teminais da posição 0 até a posição 6 receberão a imagem ao mesmo tempo. Caso queira enviar a imagem para todos os terminais coloque seguido dos : a letra a. 15

16 Ex: sendimage:a Neste comando todos os terminais da lista receberão a imagem. OBS: Ao enviar um comando para um terminal não compatível ou para um terminal que não exista na lista, uma mensagem de erro aparecerá na tela. Os comandos que possuem este recurso são: sendtext Envio de texto instantâneo sendimage Envio de imagem instantânea sendadv504 Envio de propagandas para o TC504 sendpre Envio de preimages para o TC504 setkey Habilita/Desabilita o teclado frontal do terminal (TC504) setlec Habilita/Desabilita o leitor de cartões (TC504) settime Configura o tempo de exibição (TC504) cleardisp Preenche a tela do terminal com uma cor (TC504) restart Reinicia um terminal IDIOMAS O programa server possui suporte a vários idiomas. Os arquivos de idiomas são fáceis de criar e instalar no programa. Para ser criado um idioma, copie um arquivo de um idioma conhecido alterando o seu nome para o idioma desejado; Edite o arquivo alterando os textos após o sinal de igual (=). Altere apenas os textos... se alterar alguma outra coisa o programa pode não funcionar corretamente. Coloque o arquivo criado na pasta./languages do programa servidor. Abra o arquivo CONFIG.TXT localizado na mesma pasta. Adicione uma linha contendo: <Nome do idioma> <Nome do arquivo> Muito cuidado na hora de escrever esta linha, o nome do arquivo deve ser o mesmo, senão ao trocar o idioma, aparecerá uma mensagem de erro. Se tudo ocorreu perfeitamente, ao executar o comando changelanguage o idioma criado aparecerá na lista de idiomas. Este é um trecho do arquivo para o Idioma português : 16

17 [GERAL] Nterm=Terminais conectados: Tab=Tabela de terminais conectados Tempo=Tempo de exibição [CONFIG] Alterar=Alterar? Enviar=Enviar? Addr=Endereco: Serv=Servidor: NetM=Mascara de rede: TCname=Nome: Gateway=GateWay: UPDServ=Servidor de Atualizacoes: User=Usuario: Pass=Senha: Dinamico=IPDimanico: BuscaServ=Buscar Servidor: L1=Linha 1: L2=Linha 2: L3=Linha 3: L4=Linha 4: Time=Tempo: ServName=Servidor de nomes: Port=Porta: SFTP=Servidor FTP: UFTP=Usuario FTP: PFTP=Senha FTP: [ERROS] TermNExiste=Terminal não existe! TermNComp=Terminal não compativel com a função! ArqNExiste=Arquivo não existe! erroidioma=arquivo de Idioma não existe! Invalido=Comando Inválido! [TEXTOS] L1=Linha 1: L2=Linha 2: X=Posição X: Y=Posição Y: Color=Cor da letra: Background=Cor de fundo: Size=Tamanho: 17

18 ONDE ESTÃO OS ARQUIVOS? Além de saber configurar os terminais remotamente, enviar imagens e textos etc. O usuário necessita saber onde encontrar os arquivos que o GerTC utiliza para para funcionar. Por exemplo: De que serviria um servidor de terminais de consultas se o estabelecimento não saber onde está e como funciona o banco de dados? Onde colocar os arquivos de imagens que serão enviados para o terminal? Ao abrir a pasta principal do programa, você encontrará a seguinte árvore de arquivos: GerTC languages Possui o arquivo CONFIG.TXT; Arquivos de idiomas; images image.txt; (lista de propagandas para o TC505); image.cfg (lista de propagandas para o TC504); preimage.cfg (lista de pre images do TC504); Arquivos de imagens e animações em geral; log Arquivo txt contendo o registro de todos os acontecimentos dos eventos dos terminais; tables Arquivo txt contendo o banco de dados dos produtos; Arquivo txt contendo o banco de dados dos cartões magnéticos (TC504); Arquivo txt contendo a lista de apelidos dos terminais; adv Arquivos de controle das propagandas (TC504) pre Arquivos de controle das pre images (TC504) arquivos fonte executaveis 18

19 BANCO DE DADOS BANCO DE DADOS TXT Na pasta tables há dois arquivos com o banco de dados em formato TXT: cardtable.txt: banco de dados dos cartões magnéticos; pricetable.txt banco de dados dos produtos; Os dados devem ser separados por (pipe) na primeira tabela o formato da linha é: <trilha 1 + trilha 2> <Primeira linha> <segunda linha> <imagem de fundo> Os dados da segunda tabela tem seguinte formato: <Código de barras> <Descrição> <Preço> <XDescrição> <YDescrição> <XPreço> <YPreço> <Cor da letra> <Cor Background> <Imagem principal> <Imagem casada1> <Imagem casada2> Os dados devem ser colocados em uma única linha, caso não exista imagens a serem exibidas, apenas mantenha os pipes juntos. Exemplo: Macarrão 5, black white BANCO DE DADOS Para o funcionamento da versão MySQL do programa é necessário que as tabelas contenham os seguintes campos e nesta ordem (o nome do campo não influencia): TABELA DE PREÇOS: Código de barras tipo char; Descrição tipo char; Preço tipo char; Xdescrição tipo char; Ydescrição tipo char; Xpreço tipo char; Ypreço tipo char; Cor da letra tipo char; Background tipo char; Imagem Principal tipo char; Imagem Casada1 tipo char; Imagem Casada2 tipo char; 19

20 TABELA DE CARTÕES: Trilhas tipo char; Primeira linha tipo char; Segunda linha tipo char; OBS: Qualquer diferença em relação aos tipos e a ordem do campo deve ser tratada no código fonte do programa. CÓDIGO DAS CORES Para a composição de cores deve se seguir a seguinte lista (essas cores também são válidas para o texto) black (preto) brown (marrom) green (verde escuro) olive (verde oliva) navy (azul marinho) purple (púrpura) teal (verde fosco) gray (cinza escuro) silver (cinza claro) red (vermelho) lime (verde claro) yellow (amarelo) blue (azul) fuchsia (magenta) aqua (ciano) white (branco) 20

MANUAL DO USUÁRIO - SERVIDOR UNIFICADO GERTEC 1

MANUAL DO USUÁRIO - SERVIDOR UNIFICADO GERTEC 1 Servidor Unificado para ambiente Windows ServUni 2.0 Versão 2.0 Índice 1. IMPLANTAÇÃO... 03 1.1. Criação do Banco de Dados... 03 1.1.1. Log... 04 1.1.2. Produto... 04 1.1.3. Cartão... 06 1.1.4. Pré-Imagem...

Leia mais

TC505 Gertec V3.0. Gertec Telecomunicações Ltda. Manual do Usuário

TC505 Gertec V3.0. Gertec Telecomunicações Ltda. Manual do Usuário TC505 Gertec V3.0 Gertec Telecomunicações Ltda. Manual do Usuário 1 DESCRIÇÃO... 3 RECONHECENDO O TERMINAL... 4 INSTALAÇÃO DO TERMINAL... 5 CONFIGURAÇÃO DO TERMINAL... 5 CONFIGURANDO PELO TECLADO... 5

Leia mais

BuscaPreço Gertec V3.0

BuscaPreço Gertec V3.0 BuscaPreço Gertec V3.0 Gertec Telecomunicações Ltda. Manual do Usuário 1 DESCRIÇÃO... 3 RECONHECENDO O TERMINAL... 4 INSTALAÇÃO DO TERMINAL... 5 CONFIGURAÇÃO DO TERMINAL... 5 CONFIGURANDO PELO TECLADO...

Leia mais

Microterminal MT 740. Manual do Usuário - versão 1.2

Microterminal MT 740. Manual do Usuário - versão 1.2 w Microterminal MT 740 Manual do Usuário - versão 1.2 1 2 ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO 1 2 RECONHECENDO O MT 740 2 3 INSTALAÇÃO 3 4 FUNCIONAMENTO 4 4.1 DESCRIÇÃO DAS CONFIGURAÇÕES E DOS COMANDOS 6 4.2 COMUNICAÇÃO

Leia mais

INSTALAÇÃO PRINTERTUX Tutorial

INSTALAÇÃO PRINTERTUX Tutorial INSTALAÇÃO PRINTERTUX Tutorial 2 1. O Sistema PrinterTux O Printertux é um sistema para gerenciamento e controle de impressões. O Produto consiste em uma interface web onde o administrador efetua o cadastro

Leia mais

TransactionCentre Client

TransactionCentre Client TransactionCentre Client Manual de Instalação Client Connection Esta documentação, softwares e materiais disponibilizados são protegidos por propriedade intelectual e não podem ser copiados, reproduzidos

Leia mais

ÍNDICE 1- INTRODUÇÃO 3 2- CARACTERÍSTICAS GERAIS 4 3- INSTALAÇÃO 5 4 CONFIGURAÇÃO 5 5 OPERAÇÃO 6 CONTATOS GERTEC 7. 4.1 Local 5. 4.

ÍNDICE 1- INTRODUÇÃO 3 2- CARACTERÍSTICAS GERAIS 4 3- INSTALAÇÃO 5 4 CONFIGURAÇÃO 5 5 OPERAÇÃO 6 CONTATOS GERTEC 7. 4.1 Local 5. 4. 1 ÍNDICE 1- INTRODUÇÃO 3 2- CARACTERÍSTICAS GERAIS 4 3- INSTALAÇÃO 5 4 CONFIGURAÇÃO 5 4.1 Local 5 4.2 WebServer 6 4.3 Remotamente 6 5 OPERAÇÃO 6 CONTATOS GERTEC 7 2 1- INTRODUÇÃO O terminal de consulta

Leia mais

Manual do Aplicativo Servidor ECD

Manual do Aplicativo Servidor ECD Manual do Aplicativo Servidor ECD Edição de novembro de 2014 Este manual tem caráter técnico-informativo, sendo propriedade da SWEDA. Todos os direitos reservados. Nenhuma parte deste manual pode ser reproduzida

Leia mais

Utilizando o correio eletrônico da UFJF com Thunderbird e IMAP

Utilizando o correio eletrônico da UFJF com Thunderbird e IMAP Utilizando o correio eletrônico da UFJF com Thunderbird e IMAP O cliente de e-mail web utilizado pela UFJF é um projeto OpenSource que não é desenvolvido pela universidade. Por isso, pode ocorrer que alguns

Leia mais

Gertec Telecomunicações Ltda. Manual do Usuário. Buscapreço Gertec V1.0

Gertec Telecomunicações Ltda. Manual do Usuário. Buscapreço Gertec V1.0 Gertec Telecomunicações Ltda. Manual do Usuário Buscapreço Gertec V1.0 DESCRIÇÃO... 3 RECONHECENDO O TERMINAL... 4 APLICATIVOS DO TERMINAL... 5 CONFIGURAÇÃO DO TERMINAL... 5 SERVIDOR DE FTP... 7 APLICATIVO

Leia mais

MODEM USB 3G+ WM31. Manual do Usuário

MODEM USB 3G+ WM31. Manual do Usuário MODEM USB 3G+ WM31 Manual do Usuário 2 Tabela de Conteúdo 1 Introdução... 3 2. Instalação... 5 3. Descrição da interface do cliente... 6 4. Conexão... 10 5.SMS... 11 6.Contatos... 14 7.Estatística... 18

Leia mais

GUIA DE INSTALAÇÃO NETDEEP SECURE COM VIRTUAL BOX

GUIA DE INSTALAÇÃO NETDEEP SECURE COM VIRTUAL BOX GUIA DE INSTALAÇÃO NETDEEP SECURE COM VIRTUAL BOX NETDEEP SECURE COM VIRTUAL BOX 1- Visão Geral Neste manual você aprenderá a instalar e fazer a configuração inicial do seu firewall Netdeep Secure em um

Leia mais

MODEM USB 3G+ WM31. Manual do Usuário

MODEM USB 3G+ WM31. Manual do Usuário MODEM USB 3G+ WM31 Manual do Usuário 2 Conteúdo 1 Introdução... 3 2 Descrição da Interface do Cliente... 5 3 Conexão... 7 4 SMS... 10 5 Contatos... 14 6 Estatística... 18 7 Configurações... 19 8 SIM Tool

Leia mais

Guia de instalação para ambiente de Desenvolvimento LINUX

Guia de instalação para ambiente de Desenvolvimento LINUX Guia de instalação para ambiente de Desenvolvimento LINUX Conteúdo deste manual Introdução O guia de instalação... 3 Capítulo 1 Instalando o servidor Web Apache... 4 Teste de instalação do Apache... 9

Leia mais

Manual. ID REP Config Versão 1.0

Manual. ID REP Config Versão 1.0 Manual ID REP Config Versão 1.0 Sumário 1. Introdução... 3 2. Pré-Requisitos... 3 3. Instalação do ID REP Config... 4 4. Visão Geral do Programa... 8 4.1. Tela Principal... 8 4.2. Tela de Pesquisa... 12

Leia mais

Configurando o DDNS Management System

Configurando o DDNS Management System Configurando o DDNS Management System Solução 1: Com o desenvolvimento de sistemas de vigilância, cada vez mais usuários querem usar a conexão ADSL para realizar vigilância de vídeo através da rede. Porém

Leia mais

Manual de Instalação de Telecentros Comunitários. Ministério das Comunicações

Manual de Instalação de Telecentros Comunitários. Ministério das Comunicações Manual de Instalação de Telecentros Comunitários Ministério das Comunicações As informações contidas no presente documento foram elaboradas pela International Syst. Qualquer dúvida a respeito de seu uso

Leia mais

Gertec Telecomunicações Ltda.

Gertec Telecomunicações Ltda. Gertec Telecomunicações Ltda. Manual do Usuário TC505 Gertec V1.0 DESCRIÇÃO... 2 RECONHECENDO O TERMINAL... 3 INSTALAÇÃO DO TERMINAL... 4 CONFIGURAÇÃO DO TERMINAL... 4 APLICATIVO SERVIDOR DE FTP... 7 APLICATIVO

Leia mais

INICIANDO A INSTALAÇÃO

INICIANDO A INSTALAÇÃO INICIANDO A INSTALAÇÃO Abra o leitor de CD do computador que será dedicado ao ÚnicoNET. Coloque o CD que acabamos de gravar com o NERO EXPRESS e reinicie o HARDWARE (CTRL+ALT+DEL), caso não consiga reiniciar

Leia mais

Seu manual do usuário BLACKBERRY INTERNET SERVICE http://pt.yourpdfguides.com/dref/1117388

Seu manual do usuário BLACKBERRY INTERNET SERVICE http://pt.yourpdfguides.com/dref/1117388 Você pode ler as recomendações contidas no guia do usuário, no guia de técnico ou no guia de instalação para BLACKBERRY INTERNET SERVICE. Você vai encontrar as respostas a todas suas perguntas sobre a

Leia mais

BlackBerry Internet Service. Versão: 4.5.1. Guia do usuário

BlackBerry Internet Service. Versão: 4.5.1. Guia do usuário BlackBerry Internet Service Versão: 4.5.1 Guia do usuário Publicado: 09/01/2014 SWD-20140109134951622 Conteúdo 1 Primeiros passos... 7 Sobre os planos de serviço de mensagens oferecidos para o BlackBerry

Leia mais

Lazarus pelo SVN Linux/Windows

Lazarus pelo SVN Linux/Windows Lazarus pelo SVN Linux/Windows Sei que não faltam artigos sobre como obter e compilar o Lazarus e o FPC pelo SVN, mas sei também que nunca é de mais divulgar um pouco mais e talvez escrever algo diferente.

Leia mais

3.1) Baixe os arquivos necessários para preparação neste link: http://www.emumaniacos.com.br/gateway/gw_release_1.1a.zip

3.1) Baixe os arquivos necessários para preparação neste link: http://www.emumaniacos.com.br/gateway/gw_release_1.1a.zip Gateway Manual do Usuario 1.1 (25/08/2013) (atualizado com link para download para nova firmware spoof e multi região) Por Cirino Souza Goulart www.playtronics.com.br facebook.com/lojaplaytronics 1) Conteúdo

Leia mais

MODEM USB LTE. Manual do Usuário

MODEM USB LTE. Manual do Usuário MODEM USB LTE Manual do Usuário 2 Conteúdo Manual do Usuário... 1 1 Introdução... 3 2 Descrição da Interface do Cliente... 4 3 Conexão... 7 4 SMS... 10 5 Contatos... 14 6 Estatística... 18 7 Configurações...

Leia mais

Obs: É necessário utilizar um computador com sistema operacional Windows 7.

Obs: É necessário utilizar um computador com sistema operacional Windows 7. Instalando os Pré-Requisitos Os arquivos dos 'Pré-Requisitos' estão localizados na pasta Pré-Requisitos do CD HyTracks que você recebeu. Os arquivos também podem ser encontrados no servidor. (www.hytracks.com.br/pre-requisitos.zip).

Leia mais

1. StickerCenter... 3. 2. Menu Broadcast Stickers... 4. 3. Menu MyStickers... 9

1. StickerCenter... 3. 2. Menu Broadcast Stickers... 4. 3. Menu MyStickers... 9 1. StickerCenter... 3 1.1. O que é?... 3 1.2. O que são Stickers?... 3 1.3. Como acessar o StickerCenter?... 3 1.4. Como atualizar o StickerCenter?... 3 2. Menu Broadcast Stickers... 4 2.1. O que é?...

Leia mais

INDICE 1. INTRODUÇÃO... 3 2. CONFIGURAÇÃO MÍNIMA... 4 3. INSTALAÇÃO... 4 4. INTERLIGAÇÃO DO SISTEMA... 5 5. ALGUNS RECURSOS... 6 6. SERVIDOR BAM...

INDICE 1. INTRODUÇÃO... 3 2. CONFIGURAÇÃO MÍNIMA... 4 3. INSTALAÇÃO... 4 4. INTERLIGAÇÃO DO SISTEMA... 5 5. ALGUNS RECURSOS... 6 6. SERVIDOR BAM... 1 de 30 INDICE 1. INTRODUÇÃO... 3 2. CONFIGURAÇÃO MÍNIMA... 4 3. INSTALAÇÃO... 4 3.1. ONDE SE DEVE INSTALAR O SERVIDOR BAM?... 4 3.2. ONDE SE DEVE INSTALAR O PROGRAMADOR REMOTO BAM?... 4 3.3. COMO FAZER

Leia mais

Manual de Instalação e Configuração do SQL Express

Manual de Instalação e Configuração do SQL Express Manual de Instalação e Configuração do SQL Express Data alteração: 19/07/11 Pré Requisitos: Acesse o seguinte endereço e faça o download gratuito do SQL SRVER EXPRESS, conforme a sua plataforma x32 ou

Leia mais

É o UniNorte facilitando a vida de nossos docentes e discentes.

É o UniNorte facilitando a vida de nossos docentes e discentes. ACESSO REMOTO Através do Acesso Remoto o aluno ou professor poderá utilizar em qualquer computador que tenha acesso a internet todos os programas, recursos de rede e arquivos acadêmicos utilizados nos

Leia mais

Sistema irá modular até 32 câmeras: Você pode conectar de 1 até 32 câmeras.

Sistema irá modular até 32 câmeras: Você pode conectar de 1 até 32 câmeras. MANUAL DO SISTEMA Introdução Apresentação Requisitos mínimos Instalação do programa Acessando o Secullum DVR Tela Principal Indicador de espaço em disco Disposição de telas Status de Gravação Usuário atual

Leia mais

Instalação do IBM SPSS Modeler Server Adapter

Instalação do IBM SPSS Modeler Server Adapter Instalação do IBM SPSS Modeler Server Adapter Índice Instalação do IBM SPSS Modeler Server Adapter............... 1 Sobre a Instalação do IBM SPSS Modeler Server Adapter................ 1 Requisitos de

Leia mais

Parte I Tutorial Wi Fi 2.0 Arduino Exemplo usado: Webserver

Parte I Tutorial Wi Fi 2.0 Arduino Exemplo usado: Webserver Parte I Tutorial Wi Fi 2.0 Arduino Exemplo usado: Webserver Olá a todos! me chamo ONTREUS e sou iniciante na programação com o Arduino e resolvi criar este tutorial para facilitar a vida de muitos que

Leia mais

Comm5 Tecnologia Manual de utilização da família MI. Manual de Utilização. Família MI

Comm5 Tecnologia Manual de utilização da família MI. Manual de Utilização. Família MI Manual de Utilização Família MI ÍNDICE 1.0 COMO LIGAR O MÓDULO... pág 03 e 04 2.0 OBJETIVO... pág 05 3.0 COMO CONFIGURAR O MÓDULO MI... pág 06, 07, 08 e 09 4.0 COMO TESTAR A REDE... pág 10 5.0 COMO CONFIGURAR

Leia mais

Manual do Usuário SystemFarma AutoCred

Manual do Usuário SystemFarma AutoCred Manual do Usuário SystemFarma AutoCred Objetivo O SystemFarma AutoCred foi desenvolvido com o intuito de facilitar a comunicação entre a automação comercial e o Servidor Central do SystemFarma. Com este

Leia mais

Índice INSTALAÇÃO DO SOFTWARE EM SISTEMAS WINDOWS...2 INSTALAÇÃO DO SOFTWARE EM SISTEMAS LINUX...3 TESTANDO A CONEXÃO DA REDE LOCAL...

Índice INSTALAÇÃO DO SOFTWARE EM SISTEMAS WINDOWS...2 INSTALAÇÃO DO SOFTWARE EM SISTEMAS LINUX...3 TESTANDO A CONEXÃO DA REDE LOCAL... Índice INSTALAÇÃO DO SOFTWARE EM SISTEMAS WINDOWS...2 INSTALAÇÃO DO SOFTWARE EM SISTEMAS LINUX...3 TESTANDO A CONEXÃO DA REDE LOCAL...4 Configurações iniciais...5 Arquivo sudoers no Sistema Operacional

Leia mais

GUIA DE INSTALAÇÃO NETDEEP SECURE COM HYPER-V

GUIA DE INSTALAÇÃO NETDEEP SECURE COM HYPER-V GUIA DE INSTALAÇÃO NETDEEP SECURE COM HYPER-V GUIA DE INSTALAÇÃO NETDEEP SECURE COM HYPER-V 1- Visão Geral Neste manual você aprenderá a instalar e fazer a configuração inicial do seu firewall Netdeep

Leia mais

Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.4.1

Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.4.1 Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.4.1 26 de agosto de 2015 Departamento de Engenharia de Produto (DENP) SEAT Sistemas Eletrônicos de Atendimento 1. Introdução O Teclado de Satisfação é uma

Leia mais

Introdução... 1. Instalação... 2

Introdução... 1. Instalação... 2 ONTE DO Introdução... 1 O que é IPP?... 1 Qual é a função de um software Samsung IPP?... 1 Instalação... 2 Requisitos do sistema... 2 Instalar o software Samsung IPP... 2 Desinstalar o software Samsung

Leia mais

USANDO O ROUNDCUBE WEBMAIL

USANDO O ROUNDCUBE WEBMAIL USANDO O ROUNDCUBE WEBMAIL ATENÇÃO! Para utilizar este tutorial não se esqueça: Onde estiver escrito seusite.com.br substitua pelo ENDEREÇO do seu site (domínio). Ex.: Se o endereço do seu site é casadecarnessilva.net

Leia mais

Agente local Aranda GNU/Linux. [Manual Instalación] Todos los derechos reservados Aranda Software www.arandasoft.com [1]

Agente local Aranda GNU/Linux. [Manual Instalación] Todos los derechos reservados Aranda Software www.arandasoft.com [1] Todos los derechos reservados Aranda Software www.arandasoft.com [1] Introdução O Agente Aranda para sistemas Linux se encarrega de coletar as seguintes informações em cada uma das estações de trabalho

Leia mais

SIGEP WEB - Gerenciador de Postagens dos Correios Manual do Usuário

SIGEP WEB - Gerenciador de Postagens dos Correios Manual do Usuário MANUAL DO USUÁRIO 2 ÍNDICE 1. PRÉ REQUISITOS PARA UTILIZAÇÃO DO SIGEP WEB 04 2. PROCEDIMENTOS PARA DOWNLOAD DO SISTEMA 04 3. INSTALANDO O SIGEP WEB 07 4. CONFIGURAÇÕES DO SISTEMA 09 COMPARTILHANDO O BANCO

Leia mais

Manual. ID REP Config Versão 1.0

Manual. ID REP Config Versão 1.0 Manual ID REP Config Versão 1.0 Sumário 1. Introdução... 3 2. Pré-Requisitos... 3 2.1. Atualização... 3 3. Instalação do ID REP Config... 4 4. Visão Geral do Programa... 6 4.1. Tela Principal... 6 4.2.

Leia mais

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador.

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador. - INTRODUÇÃO O Programa pode ser instalado em qualquer equipamento que utilize o sistema operacional Windows 95 ou superior, e seu banco de dados foi desenvolvido em MySQL, sendo necessário sua pré-instalação

Leia mais

Manual de operação. BS Ponto Versão 5.1

Manual de operação. BS Ponto Versão 5.1 Manual de operação BS Ponto Versão 5.1 conteúdo 1. Instalação do sistema Instalando o BS Ponto Configurando o BS Ponto 2. Cadastrando usuários Cadastro do usuário Master Alterando a senha Master Cadastro

Leia mais

Vamos criar uma nova Página chamada Serviços. Clique em Adicionar Nova.

Vamos criar uma nova Página chamada Serviços. Clique em Adicionar Nova. 3.5 Páginas: Ao clicar em Páginas, são exibidas todas as páginas criadas para o Blog. No nosso exemplo já existirá uma página com o Título Página de Exemplo, criada quando o WorPress foi instalado. Ao

Leia mais

PROJETO SISTEMA DE ALARME REMOTO NO CBMSC. Tecnologias utilizadas

PROJETO SISTEMA DE ALARME REMOTO NO CBMSC. Tecnologias utilizadas PROJETO SISTEMA DE ALARME REMOTO NO CBMSC O "Projeto sistema de alarme remoto no CBMSC" é uma sistemática desenvolvida para acionar o alarme do quartel diretamente pelo COBOM, agilizando o acionamento

Leia mais

Documentação SC501GER.DLL V2.2

Documentação SC501GER.DLL V2.2 Documentação SC501GER.DLL V2.2 1. INICIALIZAÇÕES DA DLL. 3 VINITIALIZE 3 TC_STARTSERVER 3 _TERMGERTECSERVER 3 2. CONVERSÃO DE TIPOS 3 TCINET_NTOA 3 TCINET_ADDR 3 3. ROTINAS DE CONTROLE DOS TERMINAIS CONECTADOS

Leia mais

Moodle FTEC Versão 2.0 Manual do Usuário Acesse a área de LOGIN do site da FTEC www.ftec.com.br

Moodle FTEC Versão 2.0 Manual do Usuário Acesse a área de LOGIN do site da FTEC www.ftec.com.br Moodle FTEC Versão 2.0 Manual do Usuário Acesse a área de LOGIN do site da FTEC www.ftec.com.br Índice Como acessar o Moodle Editando seu PERFIL Editando o curso / disciplina no Moodle Incluindo Recursos

Leia mais

Procedimento para instalação do BLACKBERRY Software de Imagem via Celular

Procedimento para instalação do BLACKBERRY Software de Imagem via Celular Procedimento para instalação do BLACKBERRY Software de Imagem via Celular Atenção: este aplicativo é compatível somente com a versão do sistema operacional do BlackBerry 4.6 ou superior. Os modelos de

Leia mais

6 Aplicações Ricas para Internet

6 Aplicações Ricas para Internet 6 Aplicações Ricas para Internet DESENVOLVIMENTO WEB II - 7136 6.1. Evolução das aplicações para web O crescente número de pessoas que usufruem da informatização das tarefas cotidianas, viabilizadas na

Leia mais

Manual de Utilização do Assistente do Certificado Digital Serasa Experian. Manual do Produto

Manual de Utilização do Assistente do Certificado Digital Serasa Experian. Manual do Produto Manual de Utilização do Assistente do Certificado Digital Serasa Experian Manual do Produto Índice Introdução - Assistente do Certificado Digital Serasa Experian 3 1. Verificação de Ambiente 4 2. Instalação

Leia mais

GERTEC Manual de Operação e Instalação MTi-760 Versão 1.0

GERTEC Manual de Operação e Instalação MTi-760 Versão 1.0 GERTEC Manual de Operação e Instalação MTi-760 Versão 1.0 1 Índice Descrição 3 Reconhecendo o Terminal 4 Instalação do Terminal 5 Funcionamento 5 Características Gerais 8 CONTATOS GERTEC 9 2 Descrição

Leia mais

Manual do usuário. Softcall Java. versão 1.0.5

Manual do usuário. Softcall Java. versão 1.0.5 Manual do usuário Softcall Java versão 1.0.5 Sumário Iniciando SoftCall...3 Tela Principal...3 Configurando o SoftCall...4 Agenda...5 Incluindo um contato...5 Procurando um contato...6 Apagando um contato...6

Leia mais

GEOVISION VER AS IMAGENS ATRAVÉS DO INTERNET EXPLORER.

GEOVISION VER AS IMAGENS ATRAVÉS DO INTERNET EXPLORER. GEOVISION VER AS IMAGENS ATRAVÉS DO INTERNET EXPLORER. Abra o INTERNET EXPLORER, vá em FERRAMENTAS, OPÇÕES DA INTERNET. Clique na guia SEGURANÇA, NÍVEL PERSONALIZADO. Ir até os ActiveX ( desenho de uma

Leia mais

Instalação Remota Distribuição Linux

Instalação Remota Distribuição Linux Instalação Remota Distribuição Linux A distribuição linux utilizada para a instalação é a Debian. Download pode ser realizado acessando o site: http://www.debian.org Distribuição Linux Instalação Remota

Leia mais

Trabalho de Sistema de Informações. Instalação e configuração aplicativo Ocomon

Trabalho de Sistema de Informações. Instalação e configuração aplicativo Ocomon Trabalho de Sistema de Informações Aluno: Paulo Roberto Carvalho da Silva Instalação e configuração aplicativo Ocomon O trabalho tem como objetivo o estudo de caso,a instalação, configuração e funcionamento

Leia mais

Conecta S_Line. 2.2 Downloads Para instalar o Conecta S_Line, basta acessar www.sline.com.br/downloads.aspx

Conecta S_Line. 2.2 Downloads Para instalar o Conecta S_Line, basta acessar www.sline.com.br/downloads.aspx 1 Introdução O Conecta S_Line permite que o laboratório envie à Central S_Line os resultados de exames gerados pelo Sistema de Informação Laboratorial (LIS) em forma de arquivos digitais. Todo o processo

Leia mais

Sistema Click Principais Comandos

Sistema Click Principais Comandos Sistema Click Principais Comandos Sumário Sumário... 1 1. Principais Funções:... 2 2. Inserção de Registro (F6):... 3 3. Pesquisar Registro (F7):... 4 3.1 Pesquisa por letras:... 5 3.2 Pesquisa por números:...

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO Aplicativo Controle de Estoque Mobile

MANUAL DE UTILIZAÇÃO Aplicativo Controle de Estoque Mobile MANUAL DE UTILIZAÇÃO Aplicativo Controle de Estoque Mobile 1 1 INICIANDO O APLICATIVO PELA PRIMEIRA VEZ... 3 2 PÁGINA PRINCIPAL DO APLICATIVO... 4 2.1 INTERFACE INICIAL... 4 2.2 DISPOSITIVO NÃO REGISTRADO...

Leia mais

Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.2.2

Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.2.2 Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.2.2 18 de fevereiro de 2015 Departamento de Engenharia de Produto (DENP) SEAT Sistemas Eletrônicos de Atendimento 1. Introdução O Teclado de Satisfação é

Leia mais

1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO

1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO 1 ÍNDICE 1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO... 3 1.1 REQUISITOS BASICOS DE SOFTWARE... 3 1.2 REQUISITOS BASICOS DE HARDWARE... 3 2 EXECUTANDO O INSTALADOR... 3 2.1 PASSO 01... 3 2.2 PASSO

Leia mais

LIÇÃO 1 - USANDO O GRAVADOR DE MACROS

LIÇÃO 1 - USANDO O GRAVADOR DE MACROS 1_15 - ADS - PRO MICRO (ILM 001) - Estudo dirigido Macros Gravadas Word 1/35 LIÇÃO 1 - USANDO O GRAVADOR DE MACROS No Microsoft Office Word 2007 é possível automatizar tarefas usadas frequentemente criando

Leia mais

Seu manual do usuário KASPERSKY ANTI-VIRUS MOBILE 6.0 http://pt.yourpdfguides.com/dref/3931618

Seu manual do usuário KASPERSKY ANTI-VIRUS MOBILE 6.0 http://pt.yourpdfguides.com/dref/3931618 Você pode ler as recomendações contidas no guia do usuário, no guia de técnico ou no guia de instalação para KASPERSKY ANTI- VIRUS MOBILE 6.0. Você vai encontrar as respostas a todas suas perguntas sobre

Leia mais

Notas de Aplicação. Utilizando o servidor de comunicação SCP Server. HI Tecnologia. Documento de acesso público

Notas de Aplicação. Utilizando o servidor de comunicação SCP Server. HI Tecnologia. Documento de acesso público Notas de Aplicação Utilizando o servidor de comunicação SCP Server HI Tecnologia Documento de acesso público ENA.00024 Versão 1.02 dezembro-2006 HI Tecnologia Utilizando o servidor de comunicação SCP Server

Leia mais

INICIALIZAÇÃO RÁPIDA. 1 Insira o CD 1 ou DVD do Novell Linux Desktop na unidade e reinicialize o computador para iniciar o programa de instalação.

INICIALIZAÇÃO RÁPIDA. 1 Insira o CD 1 ou DVD do Novell Linux Desktop na unidade e reinicialize o computador para iniciar o programa de instalação. Novell Linux Desktop www.novell.com 27 de setembro de 2004 INICIALIZAÇÃO RÁPIDA Bem-vindo(a) ao Novell Linux Desktop O Novell Linux* Desktop (NLD) oferece um ambiente de trabalho estável e seguro equipado

Leia mais

LASERJET ENTERPRISE M4555 SÉRIE MFP. Guia de instalação do software

LASERJET ENTERPRISE M4555 SÉRIE MFP. Guia de instalação do software LASERJET ENTERPRISE M4555 SÉRIE MFP Guia de instalação do software HP LaserJet Enterprise M4555 MFP Series Guia de instalação do software Direitos autorais e licença 2011 Copyright Hewlett-Packard Development

Leia mais

GUIA RÁPIDO PARA PETICIONAMENTO ON-LINE

GUIA RÁPIDO PARA PETICIONAMENTO ON-LINE 1. Antes de acessar o Sistema: 1.1 Verificar navegador instalado usar Mozilla Firefox Se não estiver, faça o download aqui: http://br.mozdev.org/ Após o download, instale o programa. 1.2 Verificar se Java

Leia mais

BUSCA PREÇO WI FI. Manual Usuário Rev. 1.2

BUSCA PREÇO WI FI. Manual Usuário Rev. 1.2 BUSCA PREÇO WI FI Manual Usuário Rev. 1.2 Abril 2012 1 ÍNDICE 1- INTRODUÇÃO 3 2- RECONHECENDO O TERMINAL 3 3- INSTALAÇÃO 5 4 CONFIGURAÇÃO 5 Configuração do Terminal 5 Velocidade da rede 8 Idiomas 8 5 ATUALIZAÇÃO

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO Aplicativo Controle de Estoque Desktop

MANUAL DE UTILIZAÇÃO Aplicativo Controle de Estoque Desktop MANUAL DE UTILIZAÇÃO Aplicativo Controle de Estoque Desktop 1 1 INICIANDO O APLICATIVO PELA PRIMEIRA VEZ... 3 2 PÁGINA PRINCIPAL DO APLICATIVO... 4 2.1 INTERFACE INICIAL... 4 3 INICIANDO PROCESSO DE LEITURA...

Leia mais

RESTAURAÇÃO E BACKUP DE BANCO DE DADOS FIREBIRD

RESTAURAÇÃO E BACKUP DE BANCO DE DADOS FIREBIRD RESTAURAÇÃO E BACKUP DE BANCO DE DADOS FIREBIRD "internal gds software consistency check (can't continue after bugcheck)" Este processo de restauração, visa fazer correções na base de dados que o cliente

Leia mais

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador.

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador. INTRODUÇÃO O Programa pode ser instalado em qualquer equipamento que utilize o sistema operacional Windows 95 ou superior, e seu banco de dados foi desenvolvido em MySQL, sendo necessário sua pré-instalação

Leia mais

Vamos criar uma nova Página chamada Serviços. Clique em Adicionar Nova.

Vamos criar uma nova Página chamada Serviços. Clique em Adicionar Nova. 3.5 Páginas: Ao clicar em Páginas, são exibidas todas as páginas criadas para o Blog. No nosso exemplo já existirá uma página com o Título Página de Exemplo, criada quando o WorPress foi instalado. Ao

Leia mais

ANTES DE TUDO, FAÇA ISTO...

ANTES DE TUDO, FAÇA ISTO... ATENÇÃO PARA SAT DIMEP: o EXISTEM 2 TIPOS DE SAT DIMEP. o O DE COR BRANCA QUE DEVE SER USADO PARA FAZER DEMONSTRAÇÕES. CASO A REVENDA DESEJE APARELHO PARA DEMONSTRAÇÃO, É ESTE QUE DEVE SER ADQUIRIDO o

Leia mais

Procedimentos para Configuração de Redirecionamento de Portas

Procedimentos para Configuração de Redirecionamento de Portas 1 Procedimentos para Configuração de Redirecionamento de Portas O DIR 635 tem duas opções para liberação de portas: Virtual server: A opção Virtual Server permite que você defina uma única porta pública

Leia mais

Seu manual do usuário XEROX 6279 http://pt.yourpdfguides.com/dref/5579951

Seu manual do usuário XEROX 6279 http://pt.yourpdfguides.com/dref/5579951 Você pode ler as recomendações contidas no guia do usuário, no guia de técnico ou no guia de instalação para XEROX 6279. Você vai encontrar as respostas a todas suas perguntas sobre a XEROX 6279 no manual

Leia mais

Excel 2010 Modulo II

Excel 2010 Modulo II Excel 2010 Modulo II Sumário Nomeando intervalos de células... 1 Classificação e filtro de dados... 3 Subtotais... 6 Validação e auditoria de dados... 8 Validação e auditoria de dados... 9 Cenários...

Leia mais

Introdução ao GeoGebra

Introdução ao GeoGebra Universidade Federal de Alfenas UNIFAL-MG Introdução ao GeoGebra Prof. Dr. José Carlos de Souza Junior AGOSTO 2010 Sumário 1 Primeiros Passos com o GeoGebra 4 1.1 Conhecendo o Programa............................

Leia mais

O serviço de Gateway Remoto é instalado em um computador, onde um ou diversos rádios móveis Hytera podem ser conectados via cabo USB e áudio.

O serviço de Gateway Remoto é instalado em um computador, onde um ou diversos rádios móveis Hytera podem ser conectados via cabo USB e áudio. Visão Geral O Gateway Remoto Hytracks tem por objetivo atuar como uma extensão do Servidor principal, visando atender regiões muito distantes do servidor através de um link IP. O serviço de Gateway Remoto

Leia mais

Security Shop MRS. Media Relay System. Manual do Usuário

Security Shop MRS. Media Relay System. Manual do Usuário Página 1 de 20 Security Shop MRS Media Relay System Manual do Usuário Página 2 de 20 Conteúdos: Conteúdos:... 2 Figuras:... 3 1. Introdução... 4 1.1 Âmbito do Documento... 4 1.2 Terminologia... 4 2. GERAL...

Leia mais

AVISO. O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio.

AVISO. O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. Nenhuma parte desta publicação pode ser reproduzida nem transmitida

Leia mais

GUIA PARA HABILITAÇÃO DAS BIOMETRIAS LINEAR (SÉRIE LN) NO SOFTWARE HCS 2010 V9.0 (BETA 3) 11/06/2014

GUIA PARA HABILITAÇÃO DAS BIOMETRIAS LINEAR (SÉRIE LN) NO SOFTWARE HCS 2010 V9.0 (BETA 3) 11/06/2014 GUIA PARA HABILITAÇÃO DAS BIOMETRIAS LINEAR (SÉRIE LN) NO SOFTWARE HCS 2010 V9.0 (BETA 3) 11/06/2014 A partir da versão 9.0 (BETA 3) do Software HCS 2010 é possível monitorar e gerenciar as biometrias

Leia mais

GUIA DE INSTALAÇÃO NETDEEP SECURE COM VMWARE WORKSTATION

GUIA DE INSTALAÇÃO NETDEEP SECURE COM VMWARE WORKSTATION GUIA DE INSTALAÇÃO NETDEEP SECURE COM VMWARE WORKSTATION GUIA DE INSTALAÇÃO NETDEEP SECURE COM VMWARE WORKSTATION 1- Visão Geral Neste manual você aprenderá a instalar e fazer a configuração inicial do

Leia mais

Manual do Usuário. Telefone Sem Fio LS3 MANUAL DO USUÁRIO

Manual do Usuário. Telefone Sem Fio LS3 MANUAL DO USUÁRIO Telefone Sem Fio LS3 MANUAL DO USUÁRIO Introdução 3 1. Indicações de segurança 4 2 Instrução ao teclado e aos ícones 6 2.1 Teclado 6 2.2 Ícones 7 3 Instalação 7 3.1 Instalação do sim card 7 3.2 Carregando

Leia mais

Instalação do Sistema. Treinamento OTRS Help Desk

Instalação do Sistema. Treinamento OTRS Help Desk Instalação do Sistema Treinamento OTRS Help Desk Sumário Instalação... 3 Recomendações...3 Requisitos de Instalação...5 Preparando a Instalação no CentOS 6.5 (64 bits)...5 Preparando a Instalação no Ubuntu

Leia mais

Manual do Usuário Microsoft Apps for Symbian

Manual do Usuário Microsoft Apps for Symbian Manual do Usuário Microsoft Apps for Symbian Edição 1.0 2 Sobre os aplicativos da Microsoft Sobre os aplicativos da Microsoft Os aplicativos Microsoft oferecem aplicativos corporativos Microsoft para o

Leia mais

Produto: CL Titânio Assunto: Quais as funções que podem ser executadas no software client?

Produto: CL Titânio Assunto: Quais as funções que podem ser executadas no software client? Produto: CL Titânio Assunto: Quais as funções que podem ser executadas no software client? Assim que abrir o DVR Client, no canto superior direito há um grupo de opções denominado Login, preencha de acordo

Leia mais

UDPcast Clonagem de HDs via rede utilizando

UDPcast Clonagem de HDs via rede utilizando Manual Clonando Discos com o UDPcast Clonagem de HDs via rede utilizando o UDPCast. Produzido por: Sergio Graças Giany Abreu Desenvolvedores do Projeto GNU/Linux VRlivre Manual Clonando Discos com o UDPcast

Leia mais

Passo a Passo da instalação da VPN

Passo a Passo da instalação da VPN Passo a Passo da instalação da VPN Dividiremos este passo a passo em 4 partes: Requisitos básicos e Instalação Configuração do Servidor e obtendo Certificados Configuração do cliente Testes para saber

Leia mais

Instalação: permite baixar o pacote de instalação do agente de coleta do sistema.

Instalação: permite baixar o pacote de instalação do agente de coleta do sistema. O que é o projeto O PROINFODATA - programa de coleta de dados do projeto ProInfo/MEC de inclusão digital nas escolas públicas brasileiras tem como objetivo acompanhar o estado de funcionamento dos laboratórios

Leia mais

Manual. Rev 2 - junho/07

Manual. Rev 2 - junho/07 Manual 1.Desbloquear o software ------------------------------------------------------------------02 2.Botões do programa- --------------------------------------------------------------------- 02 3. Configurações

Leia mais

Digitalização. Copiadora e Impressora WorkCentre C2424

Digitalização. Copiadora e Impressora WorkCentre C2424 Digitalização Este capítulo inclui: Digitalização básica na página 4-2 Instalando o driver de digitalização na página 4-4 Ajustando as opções de digitalização na página 4-5 Recuperando imagens na página

Leia mais

Manual do Desenvolvedor Linha VP Tanca

Manual do Desenvolvedor Linha VP Tanca Manual do Desenvolvedor Linha VP Tanca Descrição das funções implementadas na DLL versão 1.0 GetTabConectados function GetTabConectados(nada: Integer): TTABSOCK; stdcall; function GetTabConectados(nada:

Leia mais

FAQ. Erros, e dúvidas frequentes

FAQ. Erros, e dúvidas frequentes FAQ Erros, e dúvidas frequentes Sumário ERROS CONHECIDOS... 2 1. Botões desabilitados ou Congelados... 2 Resolução 2... 2 2. Erro de cadastro... 3 3. Célula com o campo #VALOR... 3 4. Erro em tempo de

Leia mais

Configurando o Adaptador de Telefone na interface WEB para conexões de IP dinâmico (DHCP):

Configurando o Adaptador de Telefone na interface WEB para conexões de IP dinâmico (DHCP): Configurando o Adaptador de Telefone na interface WEB para conexões de IP dinâmico (DHCP): Abaixo segue informações com os passos a serem tomados, bem como os campos a serem preenchidos na interface web

Leia mais

Procedimento para instalação do OMNE-Smartweb em Raio-X

Procedimento para instalação do OMNE-Smartweb em Raio-X Procedimento para instalação do OMNE-Smartweb em Raio-X A primeira coisa a analisarmos é onde ficará posicionado o servidor de Raio-x na rede do cliente, abaixo será colocado três situações básicas e comuns

Leia mais

O RVSToolKit é uma ferramenta que permite a configuração dos parâmetros do Rastrear Light utilizando uma porta serial do computador.

O RVSToolKit é uma ferramenta que permite a configuração dos parâmetros do Rastrear Light utilizando uma porta serial do computador. 1 ÍNDICE Introdução... 2 Instalação RVSToolKit... 3 Acessando o RVSToolKit... 4 Acesso ao modo de alteração de dados... 6 Opções do RVSToolKit... 7 1 INTRODUÇÃO 1.1 FERRAMENTO RVSTOOLKIT O RVSToolKit é

Leia mais

Procedimentos para Reinstalação do Sisloc

Procedimentos para Reinstalação do Sisloc Procedimentos para Reinstalação do Sisloc Sumário: 1. Informações Gerais... 3 2. Criação de backups importantes... 3 3. Reinstalação do Sisloc... 4 Passo a passo... 4 4. Instalação da base de dados Sisloc...

Leia mais

MANUAL DO ANIMAIL 1.0.0.1142 Terti Software

MANUAL DO ANIMAIL 1.0.0.1142 Terti Software O Animail é um software para criar campanhas de envio de email (email Marketing). Você pode criar diversas campanhas para públicos diferenciados. Tela Principal do sistema Para melhor apresentar o sistema,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS CERCOMP (CENTRO DE RECURSOS COMPUTACIONAIS) TUTORIAL DE USO DO WEBMAIL - UFG

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS CERCOMP (CENTRO DE RECURSOS COMPUTACIONAIS) TUTORIAL DE USO DO WEBMAIL - UFG UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS CERCOMP (CENTRO DE RECURSOS COMPUTACIONAIS) TUTORIAL DE USO DO WEBMAIL - UFG Página 1 de 26 Sumário Introdução...3 Layout do Webmail...4 Zimbra: Nível Intermediário...5 Fazer

Leia mais