Um guia para modernizar a recuperação de desastres de TI

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Um guia para modernizar a recuperação de desastres de TI"

Transcrição

1 Um guia para modernizar a recuperação de desastres de TI Como se preparar para os eventos "Cisne Negro" e reduzi-los em seu data center ÍNDICE: INTRODUÇÃO: O que são os eventos "Cisne Negro" e o que eles têm a ver com seu data center? CAPÍTULO 1: Espere o inesperado CAPÍTULO 2: Comece com uma base inteligente e virtual CAPÍTULO 3: Mitos e verdades sobre a recuperação de desastres CAPÍTULO 4: As dez principais práticas recomendadas da recuperação de desastres CONCLUSÃO: Um guia de início rápido para recuperação de desastres APÊNDICE: Recuperação de desastres 101: Os conceitos básicos

2 INTRODUÇÃO 1 O que são os eventos "Cisne Negro" e o que eles têm a ver com seu data center? Você conhece a VMware como a empresa de virtualização líder de mercado dos últimos 11 anos. Na prática, de acordo com o Gartner, atualmente mais de 80% de todos os aplicativos virtualizados no mundo inteiro são executados em produtos VMware. Este ebook destaca a perspectiva da VMware quanto à recuperação de desastres no data center. Mas vamos colocar a TI de lado por um momento. A teoria dos eventos "Cisne Negro" é uma metáfora que engloba o conceito de eventos surpresa que causam um grande impacto. Ela se refere a eventos inesperados de grandes magnitudes e consequências e seus papéis dominantes na história. Tais eventos, considerados atípicos ao extremo, desempenham papéis amplamente maiores do que as ocorrências regulares. O Cisne Negro, um livro escrito por Nassim Nicholas Taleb, explica que embora os eventos Cisne Negro sejam imprevisíveis, uma pessoa ou organização pode se programar para os eventos negativos e, fazendo isso, fortalece sua capacidade de reagir, bem como de explorar os eventos positivos. Taleb afirma que as pessoas em geral e, especificamente, empresas são bastante vulneráveis aos perigosos eventos Cisne Negro e são expostas a altas perdas se não estiverem preparadas. Existe um paralelismo óbvio entre a Teoria dos eventos Cisne Negro e a necessidade de preparação contra desastres para seus ativos essenciais de TI. A implantação da DR (Disaster Recovery, recuperação de desastres) automatizada é a maneira de proteger a TI e a empresa contras eventos imprevisíveis mesmo dos eventos Cisne Negro. Os capítulos que se seguem explicam os conceitos básicos da DR e a infraestrutura necessária. Eles também apresentam as realidades ocultas e práticas recomendadas de DR com dicas do mundo real.

3 CAPÍTULO 1 Espere o inesperado Esperamos que você nunca precise ativar um plano de recuperação de desastres de TI. Nosso trabalho é fornecer proteção automatizada se você precisar. 2 O DATA CENTER É SUA FORTALEZA. É onde todos os componentes essenciais de TI (hardware, dados e software) residem. Você o protege com as soluções mais recentes à prova de falhas e o torna confiável por meio de multiprocessamento redundante, plataformas altamente dimensionáveis e redes ópticas superrápidas. E ainda assim, ele não fica totalmente protegido contra as forças que estão além do seu controle, como desastres naturais, eventos provocados pelo homem e procedimentos de segurança ou interrupção dos serviços do parceiro em um site específico. O tempo de inatividade e a perda de dados, mesmo que temporários, podem ter impactos de longa duração nos negócios e contribuir para o fim do que poderia ser um negócio bem-sucedido: Perda de receita resultante da impossibilidade de seus clientes fazerem negócios com você Diminuição da credibilidade no mercado e da confiança do cliente, gerando rotatividade Multas por SLAs violados com parceiros, fornecedores, distribuidores e franqueadores Custos pela recuperação e reparação de dados perdidos Custos legais para atender aos requisitos internos e externos de conformidade Como você equilibra a equação entre risco e investimento da recuperação de desastres? O risco potencial é maior do que o investimento? Vamos decompor esse risco para entender melhor: 43% das empresas que enfrentam desastres nunca reabriram, e 29% fecharam em dois anos. 1 93% das empresas que perderam os respectivos data centers por 10 dias faliram no período de um ano. 2 40% de todas as empresas que passam por um grande desastre sairão do mercado se não conseguirem ter acesso aos seus dados em até 24 horas. 3 CIOs e organizações de TI devem considerar situações nas quais operações normais podem ser interrompidas e assim adotar/adaptar práticas e tecnologias que os permitam lidar com essa interrupção potencial proveniente de ações hostis e externas, bem como de falhas internas do sistema." Top Predictions for IT Organizations and Users, 2011 and Beyond (Principais previsões para organizações de TI e usuários em 2011 e nos próximos anos) Esses riscos são tão altos quanto toda a sua empresa, e está em suas mãos reduzi-los. 1 McGladrey and Pullen 2 Administração Nacional de Arquivos e Registros dos EUA 3 Gartner, dezembro de 2009 "A DR é a maneira usada pelo setor de TI para se preparar e combater os eventos Cisne Negro."

4 CAPÍTULO 2 3 Comece com uma base INTELIGENTE e VIRTUAL Confiável g Repetível g Recuperável ATÉ QUE AS SOLUÇÕES DE GERENCIAMENTO DE VIRTUALIZAÇÃO CONFIÁVEIS foram disponibilizadas vários anos atrás, as soluções de DR não atendiam totalmente aos requisitos de negócios devido aos seguintes fatores: Alto custo Complexidade Falta de confiabilidade Com as tradicionais soluções manuais de DR, o alto custo veio com a necessidade de implantar um segundo site de failover com infraestrutura dedicada, licenças de software e equipe humana. A complexidade era alta, pois para garantir a recuperação de todos os serviços de negócios, os planos de recuperação tinham que lidar com muitos componentes individuais e partes móveis: aplicativos, hosts, rede e armazenamento. A Falta de confiabilidade nesses procedimentos aumentou em consequência da pouca automação e da inaptidão de testar qualquer procedimento de recuperação. A certeza de muitas empresas de atender aos respectivos RPO (Recovery Point Objective, objetivo de ponto de recuperação) e RTO (Recovery Time Objective, objetivo de tempo de recuperação) era limitada no caso de um desastre. Os departamentos de TI hesitavam em expandir a proteção contra desastres, pois não tinham certeza se a qualidade da segurança valia realmente o que custava. A virtualização é fundamental e essencial para o sucesso do planejamento de DR. A virtualização abstrai a complexidade de hardware e software, além de permitir a padronização de processos, tornando a tarefa de planejamento e automação dos procedimentos de recuperação muito mais confiável e suscetível à repetição. Processo de recuperação física: 40 horas Configuração Instalação Configuração Instalar o de hardware de SO do SO agente de backup Processo de recuperação virtual: 4 horas Início da "recuperação automática em um única etapa" Restauração Ativação da VM da VM Na verdade, em uma recente pesquisa da IDG, 70% dos clientes entrevistados melhoraram o processo de BC/ DR com a virtualização.1 Uma infraestrutura virtual inteligente baseada em produtos VMware é a base certa para a moderna solução de DR. Altamente adaptável e dimensionável, ela é otimizada para cargas de trabalho essenciais aos negócios com inteligência integrada. A solução de DR da VMware fornece: A maneira mais simples de replicar aplicativos em um site secundário A maneira mais simples de configurar planos de recuperação e migração Recuperação e migração totalmente automatizadas e mais confiáveis de sites 1 IDG Research, Benefits of Virtualizing Business Critical Applications (Benefícios de virtualizar aplicativos essenciais aos negócios), Março de 2011

5 CAPÍTULO 2 continuação DR econômica: com a rápida adoção da virtualização e a evolução da tecnologia de replicação, a DR está se tornando mais econômica. A virtualização permite a consolidação da infraestrutura no site de failover. Opções mais baratas de replicação foram disponibilizadas mais amplamente, usando dispositivos de armazenamento menos sofisticados ou soluções de software independentes. Com esses avanços, a DR pode proteger ativos de TI essenciais em grande escala, bem como sites menores e aplicativos de camada 2. DR automatizada: em ambientes virtuais, os usuários finais são poupados da complexidade de gerenciar cada etapa no processo de recuperação. Agora, uma solução de DR pode executar e coordenar automaticamente todas as etapas necessárias para garantir o nível desejado de proteção. Os manuais de administração tradicionais não são mais "bons o suficiente" para gerenciar planos de recuperação e foram substituídos por planos de recuperação orientados por software. A configuração de um plano de recuperação em um ambiente virtual é tão simples quanto selecionar RPOs e RTOs para cada serviço de negócios. Recuperação e migração confiáveis de sites: com a virtualização, as organizações têm muito mais garantia de que podem atender aos respectivos RPOs e RTOs. A virtualização permite que elas testem planos de recuperação frequentemente de uma maneira não interruptiva. Os processos manuais de recuperação foram substituídos pela recuperação automatizada, o que elimina o risco associado aos erros do usuário e garante a recuperação previsível. O gráfico abaixo mostra como as organizações com infraestruturas virtualizadas utilizam os recursos de DR juntamente com outros benefícios da virtualização. Como você descreveria a utilização dos seguintes recursos/funções de virtualização pela sua organização com máquinas virtuais baseadas no ambiente de produção? (Porcentagem de entrevistados, N=119) Reinicialização automatizada de máquinas virtuais em caso de falha no hardware do servidor físico 65% Soluções de backup e recuperação integradas à plataforma de virtualização 24% 60% 24% 57% Soluções de recuperação do site das máquinas virtuais 12% 2% 14% 3% 22% 14% 5% Migração em tempo real de máquinas virtuais com base nas políticas de utilização de CPU, memória e rede 54% 31% 11% 4% Migração em tempo real de máquinas virtuais 54% 31% 11% 4% 34% 11% 3% 15% 3% Migração em tempo real do armazenamento associado a máquinas virtuais 51% Implantação automatizada de servidores virtualizados com base nas políticas de utilização de CPU, memória e rede 45% Aplicação automatizada de políticas de ciclo de vida e recuperação de recursos de máquinas virtuais expiradas Atualmente, usamos este recurso/função Implantação automatizada de máquinas virtuais com base políticas de consumo de energia Não temosem planos de utilizar este recurso/função 0 37% 39% 35% 21% Planejamos usar este recurso nos próximos 12/24 meses 35% Não sabe/não aplicável % 29% % 8% 100 Fonte: White paper da ESG: Enterprise Strategy Group, 2011: Virtualization Management Critical to Achieving Scale and Efficiency (O gerenciamento da virtualização é essencial para a obtenção de dimensionamento e eficiência) 4

6 CAPÍTULO 3 5 Mitos e verdades sobre a recuperação de desastres A recuperação de desastres é como uma apólice de seguro que você pode testar sem ter um acidente. MITO 1: a recuperação de desastres é um recurso de luxo; é cara e consome recursos. VERDADE: o VMware vcenter SRM (Site Recovery Manager) fornece a flexibilidade para definir cenários de failover que atendem à sua escolha de cobertura, velocidade e custo de recuperação. Por exemplo, embora um site de recuperação dedicado seja uma solução robusta (e sim, mais cara), muitas vezes, é suficiente ter uma abordagem bidirecional ativa na qual dois ou mais data centers sejam complementares, com capacidade suficiente para selecionar aplicativos essenciais. Portanto, nenhum recurso é desperdiçado e a continuidade de negócios é mantida. Em geral, os clientes do SRM relatam consistentemente economias consideráveis de dinheiro, recursos e tempo. Como isso é feito na Challenger Limited A Challenger Limited gera contratos de anuidade e fornece produtos e serviços de investimento. A organização executa dois data centers colocalizados, oferecendo suporte a cerca de 500 equipes na Austrália. Para atender aos requisitos de negócios de recuperação rápida e mínima perda de dados, a Challenger Limited implementou uma infraestrutura de cluster duplo da VMware que foi vinculada a dispositivos de armazenamento em rede em seus dois data centers colocalizados, a aproximadamente um terço do custo de um ambiente físico de recuperação de desastre. O SRM permitiu que a organização dispensasse a maioria das 50 fitas anteriormente usadas para o backup de dados, poupando a uma pessoa um dia por semana. Além disso, a Challenger Limited automatizou centenas de etapas em seus processos de recuperação de desastres. Resultados para os negócios: Melhoria do RPO, de 24 horas para 90 minutos, e do RTO, de 24 horas para menos de quatro horas Redução do número de pessoas necessárias (agora somente uma) para realizar a restauração de sistemas Redução de investimentos de capital para recuperação de desastres para um terço do custo de um ambiente físico Eliminação da necessidade de adquirir 15 servidores físicos em standby a um custo de US$ MITO 2: o planejamento e o gerenciamento adequados de uma solução de DR é uma tarefa complexa que exige habilidades especiais e recursos caros. VERDADE: não com a VMware. A DR física pode ser complexa devido às infraestruturas em silo e à sua duplicação, bem como aos problemas na sincronização de configuração entre sites. A virtualização encapsula servidores, sistema operacional e aplicativos, incluindo todos os dados de configuração, de modo que a complexidade é consideravelmente reduzida. A virtualização e a automação garantem que os planos de recuperação sejam simples, completos e possam ser executados de modo confiável pela equipe, sem a necessidade de habilidades especiais.

7 CAPÍTULO 3 continuação Com o SRM, a configuração de um plano de recuperação automatizado é fácil e pode ser feita em questão de minutos, e não em semanas, como exige a configuração de manuais de administração. Como isso é feito na Swedbank A Swedbank é uma das maiores instituições financeiras na Escandinávia e no Báltico, com 362 agências na Suécia e 222 agências na Estônia, Letônia e Lituânia. O banco atende a 9,5 milhões de clientes privados e clientes corporativos, com funcionários. Evitar a interrupção de serviços é essencial para a Swedbank. A Swedbank teve que atender aos objetivos de recuperação para seus aplicativos legados por meios tradicionais de backup e recuperação, que eram complexos e consumiam muito tempo. A Swedbank implantou o SRM para simplificar e automatizar o processo de recuperação, gerenciamento e teste dos planos de recuperação. Desde a implementação do SRM, a Swedbank testa seus recursos de DR pelo menos duas vezes por ano. Ela desliga um data center por completo, transferindo as cargas de trabalho para o data center ativo. Ela executa tudo no data center de backup por 24 horas e depois faz failover no data center original. Mart Nael, chefe de Infraestrutura de núcleo do grupo de TI da Swedbank declara "Nosso tempo de recuperação é inferior a 30 minutos para cargas de trabalho essenciais e de menos de quatro horas para todo o data center". Resultados para os negócios: ROI positivo em um ano, resultado da contenção de custos com hardware Custos operacionais de TI reduzidos em 14%, anualmente máquinas virtuais gerenciadas por dois funcionários equivalentes a tempo integral Provisionamento de servidor 30 vezes mais rápido O VMware Site Recovery Manager torna o gerenciamento e os testes dos nossos planos de recuperação tão fáceis quanto pressionar um botão." KENNETH NEWBALL ADMINISTRADOR SÊNIOR DE RECUPERAÇÃO DE DESASTRES AHS-IS MITO 3: Após todo o planejamento, você nunca sabe se a recuperação será bem-sucedida em um desastre real. VERDADE: um plano de recuperação não é um plano completo sem testes. Na verdade, o plano de recuperação pode e deve ser testado com falhas suficientes, e testado novamente para garantir a validade. O SRM permite testes frequentes não interruptivos dos planos de recuperação. Como isso é feito na Adventist Health System A AHS (Adventist Health System), uma organização de assistência médica dos EUA, oferece suporte a 37 hospitais e casas de saúde para aproximadamente quatro milhões de pacientes anualmente. O AHS-IS (AHS Information Services) atende a hospitais em nove Estados e emprega mais de 500 pessoas. Para garantir que o AHS-IS forneça uma excelente assistência, a iniciativa "Missão Zero" visa fornecer os níveis mais altos de serviço e mínimo tempo de inatividade para sistemas essenciais de assistência médica, como os aplicativos de registro médico eletrônico e de gráficos da Cerner. A adição do SRM à sua infraestrutura da VMware permitiu que o AHS-IS simplificasse ainda mais as operações automatizando o planejamento e os testes de DR. "O VMware SRM torna o gerenciamento e os testes dos nossos planos de recuperação tão fáceis 6

8 CAPÍTULO 3 continuação 7 quanto pressionar um botão. O fato de que podemos fazer testes quantas vezes desejarmos nos dá um alto grau de confiança na capacidade de recuperação dos nossos sistemas", afirma Kenneth Newball, administrador sênior de recuperação de desastres da AHS-IS. Resultados para os negócios: RTO reduzido em 75%, de 48 horas para menos de uma hora Eliminação do custo de transporte aéreo de uma equipe de sete pessoas para testar a DR remota Redução de compras de hardware em 84,5%, de manutenção em 93,1% e de consumo de energia em 90%. MITO 4: a despesa com a DR é um custo já incorrido, como um plano de proteção que provavelmente nunca será usado. VERDADE: mesmo que o maior desastre nunca aconteça, o plano de recuperação pode ser usado como um plano de migração com etapas semelhantes, ajudando você durante os tempos de inatividade planejados, como as migrações de site. Além disso, o planejamento de DR ajuda a atender à conformidade onde os planos de recuperação de desastres são exigidos. O resultado dos testes de recuperação prova a preparação contra desastres e a capacidade de atender aos RTOs. Como isso é feito na Ohio Department of Developmental Disabilities A DODD (Ohio Department of Developmental Disabilities) executa um sistema de serviços de suporte em todo o Estado para cerca de 80 mil pessoas com deficiências de desenvolvimento. Um desastre que causasse uma falha em todo o sistema teria um impacto humano bastante real. "Além dos nossos dez centros de desenvolvimento, também somos responsáveis por garantir que os provedores em todo o Estado obtenham o suporte de que precisam para receber financiamento do governo federal", afirma Brian Brothers, gerente-administrador da rede. "Se nossos serviços fossem interrompidos e não pudéssemos garantir o reembolso dos fundos Medicaid, isso teria um severo impacto nos provedores e nas pessoas com deficiências de desenvolvimento a quem eles atendem. Alguns provedores teriam que fechar as portas. Na DODD, o SRM é responsável por uma ativação de DR confiável e verificável que pode ser testada e auditada. A agência testou sua solução de recuperação de desastres duas vezes. O segundo teste envolveu 50 servidores de produção, cujos failovers foram bem-sucedidos no site remoto em aproximadamente 90 minutos. "Se algum dia enfrentarmos um desastre de verdade, nosso site de DR se tornará nosso site de produção. Esperamos estar com tudo funcionando em menos de duas horas", observa Kipp Bertke, gerente de TI da área de Infraestrutura e operações da Ohio Department of Developmental Disabilities. O site de recuperação de desastres da DODD não é "inativo". Em vez disso, diariamente, o site de backup oferece suporte ativamente à equipe de desenvolvimento de aplicativos. Resultados para os negócios: Um site de recuperação de desastres confiável que pode ser colocado em funcionamento em menos de duas horas Solução de recuperação de desastres totalmente testada e ativa implementada para uma infraestrutura em nuvem ágil e privada Sistemas on-line que fornecem serviços de modo mais rápido e confiável

9 CAPÍTULO 4 As dez principais práticas recomendadas da recuperação de desastres Conforme apontadas pelos mais de clientes do SRM da VMware 1. Virtualize. Ambientes virtuais são muito mais ágeis e 4. Defina metas executáveis. A recuperação de fáceis de migrar. A virtualização oculta a complexidade desastres automatizada pode ser bastante poderosa, protegendo os componentes individuais e as partes mas não faz mágicas. Por exemplo, 100 máquinas móveis, simplificando assim o planejamento e o virtuais contendo o Exchange, Oracle SQL e SAP aumento da visibilidade no processo de DR. Ela também não podem ter o failover executado nem podem ser permite usar a replicação baseada em hypervisor, que iniciadas em 30 minutos. Defina seu RTO de modo é muito mais flexível e econômica que a replicação realista. Para definir sua linha de base, faça um teste baseada em armazenamento. sob diferentes condições e veja o que consegue Automatize. Não deixe que erros humanos se coloquem no seu caminho. Use planos de recuperação automatizados, e não uma pilha de anotações em um caderno. Com a automação adequada, um plano de recuperação pode ser executado em questão de minutos, e não em semanas. A automação poupa os usuários de terem que gerenciar muitas das etapas de recuperação e coordena automaticamente atividades, como pré-configuração de redes e máquinas virtuais, configuração da infraestrutura de recuperação e reinicialização de aplicativos. 3. Verifique e teste. Teste seus planos de DR frequentemente. Use testes não interruptivos de seus planos de recuperação e failback. Analise o relatório detalhado com os resultados do teste, incluindo o RTO atingido. Com essas informações, você pode conseguir a garantia de que seu plano de proteção contra desastres atende aos objetivos da empresa. Ele também fornece o treinamento necessário para a equipe e mostra todos os possíveis problemas antecipadamente para que eles possam ser resolvidos. 5. Aja antecipadamente, se puder. Se você possui avisos, use-os! Aja antecipadamente para executar seu plano de DR totalmente testado antes que um desastre de verdade aconteça, a fim de evitar um evento de DR completo. A confiança da TI é um subproduto de um plano de DR bom e sólido que foi testado. Tome como exemplos uma tempestade prevista, um possível tsunami ou uma ameaça potencial de paralisação da rede. 6. Seja proativo ao se ver em risco. A maioria das paralisações não é causada por desastres reais, mas por procedimentos planejados que deram errado. Exemplos: upgrades de software ou rede, manutenção de dados, reparos de instalações etc. Ao migrar antecipadamente os aplicativos essenciais, você pode diminuir o risco e reduzir significativamente uma possibilidade de paralisação ou degradação de serviço.

10 CAPÍTULO 4 continuação 9 7. Atribua responsabilidades. Atribua uma tarefa específica a todas as pessoas envolvidas no plano de DR. Não espere que a equipe pertinente esteja sempre no site do desastre ou que ela esteja no controle imediatamente. Implemente a duplicação e a redundância necessárias para pessoas, assim como faria com os computadores. 8. Mantenha os dados de recuperação atualizados na medida do possível. É uma boa prática preencher previamente o site de failover com os dados que não mudam com frequência nem em grandes proporções. Isso permitirá que, no momento do failover, você se concentre somente nos dados essenciais que mudam com frequência e rapidamente, e também que você atenda ao RTO com menos esforço. 9. Prepara-se para o failback. Crie e teste um plano de recuperação de failback, configure a replicação inversa e saiba quanto acioná-la. Defina o que considerar como o "fim" do desastre para que a empresa possa voltar ao normal. 10. Não jogue dinheiro fora com a DR. Utilize ativos de site de failover básicos e baratos ou ainda o hardware readaptado que foi deixado de lado após a virtualização do seu data center principal. Considere sites de failover bidirecionais ou compartilhados, use mais softwares na nuvem (SaaS) e observe também os meios de DR não relacionados à TI (UPS ou geradores de energia, reservas de combustível, melhor proteção contra incêndios etc.)..

11 CONCLUSÃO Um guia de início rápido para recuperação de desastres Ela pode ser feita. Ela deve ser feita. A VMware pode ajudar você nessa tarefa. 10 Embora o data center seja essencial para sua capacidade de conduzir os negócios, os eventos que você não pode controlar (ou mesmo aqueles não planejados) podem tornar os serviços de TI indisponíveis ou altamente limitados. Essa situação, embora seja rara, pode ser bastante prejudicial para a integridade da empresa, para sua credibilidade no mercado, bem como para a satisfação e lealdade dos clientes. Você pode reduzir esse risco implementando uma solução de DR para proteger os ativos essenciais de TI. Uma solução de DR bem desenvolvida, criada em uma infraestrutura virtual inteligente, pode fornecer o RTO e RPO exigidos e, ao mesmo tempo, controlar os custos. Os planos de DR podem ser testados de maneira não interruptiva e beneficiar o departamento de TI em áreas que vão além das necessidades típicas de TI. A infraestrutura de TI desempenha o papel mais crítico para a viabilidade e para o sucesso total de seus planos de DR. A infraestrutura virtualizada provou ser a plataforma mais confiável e econômica para DR, permitindo que você abstraia as partes e os componentes móveis de seu data center, simplificando a arquitetura de replicação e exigindo menos recursos no geral. Então como você começa a jornada para proteger os ativos de TI? Use esta lista de início rápido como guia: 1. Identifique seus aplicativos e dados mais importantes. Quais aplicativos geram receita diretamente, mantêm a segurança ou são, de alguma forma, essenciais à continuidade de negócios? Quais dados são absolutamente essenciais para os clientes? A contabilidade e as finanças internas ou a conformidade? 2. Se ainda não o fez, considere a virtualização de seus principais aplicativos. Isso não apenas reduzirá muito dos custos operacionais e de manutenção, removendo o custo operacional e a complexidade desnecessários, mas também tornará seu ambiente mais adequado para um planejamento eficiente de DR. 3. Defina o RTO e o RPO pretendidos. Quais dados você pode perder? Por quanto tempo? Quando você deseja que seus aplicativos essenciais fiquem on-line novamente? Certifique-se de que suas metas sejam realistas. 4. Defina os disparadores para que a DR coloque todas as atividades planejadas em ação. Essa pode ser uma decisão de negócios baseada nos dados que você está acessando, ou um evento técnico que dispare automaticamente a DR. 5. Identifique quais opções de replicação, failover e failback de DR você deseja implementar. A solução resultante será um comprometimento entre o nível de proteção, velocidade de recuperação e custos. 6. Selecione o fornecedor da solução. Fique atento aos vendedores que tentam vender hardware, sistema operacional ou outras opções limitadas específicas que não se ajustam adequadamente ao seu ambiente. Estude o nível de experiência da sua equipe exigida para manter a solução ou a quantidade de recursos que você precisa alocar. Assegure-se de que pode testar a solução sem esperar por um desastre de verdade. E, por fim, boa sorte. Esperamos que você nunca enfrente um evento Cisne Negro e nunca precise usar a solução de DR para se recuperar de um evento inesperado. Mas caso isso aconteça, a VMware está aqui para garantir que você esteja bem preparado. Para obter mais informações sobre o VMware vcenter Site Recovery Manager ou sobre a versão de avaliação gratuita por 60 dias acesse o VMware SRM. Para obter detalhes e dicas sobre a implementação do SRM, bem como ideias sobre como fornecer proteção de dados, alta disponibilidade, continuidade de negócios e recuperação de desastres com a VMware, o convidamos a ler nosso blog.

12 APÊNDICE 11 Recuperação de desastres 101: Os conceitos básicos A RECUPERAÇÃO DE DESASTRES É UMA PARTE ESSENCIAL da iniciativa de continuidade de negócios de uma empresa para garantir a disponibilidade dos processos de negócios integrais dependentes de TI e evitar qualquer efeito negativo de longo prazo das interrupções planejadas e não planejadas. A meta de DR é restaurar serviços essenciais de TI o mais rapidamente possível e minimizar a interrupção nos negócios. FAILBACK O failback é o processo de restaurar um sistema ou outro ativo que esteja em estado de failover de volta ao seu estado original. O failback eficaz retorna o sistema ao estado de operação em que ele estava antes da interrupção. Site principal Site de recuperação Nada afeta mais a sua capacidade de recuperação do que a agilidade da TI e a infraestrutura de aplicativos. Assim como as medidas de proteção contra incêndios devem ser tomadas em um edifício antes que um incêndio ocorra, e os itens de segurança de um carro são desenvolvidos para reduzir o impacto de uma batida, o design da infraestrutura de TI pode ser o sucesso ou o fracasso do seu programa de DR. INFRAESTRUTURA DE TI E APLICATIVOS A infraestrutura do data center contribui para a eficácia da solução de DR. A infraestrutura pode tornar a DR bastante complexa, difícil de implementar e, às vezes, até mesmo impossível; ou pode ajudar a tornar a TI confiável, verificável e eficiente. A próxima seção explica como. Dois processos importantes para uma recuperação de desastres simples e confiável: FAILOVER O failover é a capacidade de alternar para um servidor, sistema ou rede redundante ou em standby mediante a falha ou o desligamento de um ativo existente. O failover deve acontecer sem nenhum tipo de intervenção humana nem aviso. Principais métricas de planejamento e avaliação do sucesso dos procedimentos. RPO O RPO (Recovery Point Objective, objetivo de ponto de recuperação) é o ponto no tempo no qual você deve recuperar dados, conforme definido por sua organização, geralmente chamado de "perda aceitável" em uma situação de desastre. Ele permite que uma organização defina uma janela de tempo antes de um desastre, quando os dados podem ser perdidos e são totalmente dependentes do tipo de replicação de dados usado. Quanto mais alta for a granularidade da replicação de dados, mais curto será o RPO.

13 APÊNDICE continuação 12 RTO Embora o RTO seja meramente uma métrica técnica, a decisão de acionar o failover é comercial; e o RTO muitas vezes pode demorar mais do que a própria DR. Seja ela iniciada por humanos ou por um disparador automático, o tempo de espera para iniciar a DR também deve ser levado em consideração e incluído no RTO. Na maioria das vezes, a replicação é um elemento essencial de qualquer processo de DR, geralmente fornecida pela solução de DR específica que é utilizada. REPLICAÇÃO No contexto de preparação para um failover, a replicação fornece redundância intencionalmente arquitetada de seus recursos de TI: hardware, dados, software, rede ou todos eles juntos. Existem vários fatores que determinam a intensidade e a quantidade de replicação necessária: tipos de serviço a serem protegidos, importância dos diferentes componentes, tecnologia e custo. CENÁRIOS DE RECUPERAÇÃO DE DESASTRE Vários cenários e técnicas de DR estão disponíveis para atender aos seus requisitos específicos e objetivos de custo. A arquitetura certa pode tornar os procedimentos de DR mais eficientes, econômicos e previsíveis. Veja algumas configurações normalmente usadas que você pode escolher: Ativa/passiva: esse é um cenário de DR mais tradicional, onde um site de produção que executa aplicativos é recuperado em um segundo site que fica ocioso até que o failover seja exigido. Nesse cenário, você está pagando por um site de DR que está ocioso na maior parte do tempo. Ativa/ativa: use seu site de DR para cargas de trabalho não essenciais, quando você não o estiver usando para DR. Configure-o para desligar ou suspender automaticamente o ambiente virtual como parte do processo de failover, de modo que seja possível liberar com facilidade a capacidade de processamento para cargas de trabalho que estão sendo recuperadas. Bidirecional: forneça proteção de failover bidirecional para que seja possível executar cargas de trabalho de produção ativa em ambos os sites e fazer failover em qualquer direção. A capacidade disponível no outro site será usada para executar os ambientes virtuais dos quais foi feito failover. Failover local: algumas cargas de trabalho precisam fazer failover dentro de um determinado "site" ou campus; por exemplo, quando ocorre uma falha de armazenamento ou quando a manutenção força você a transferir cargas de trabalho para outro laboratório local. Sites de recuperação compartilhados: na implantação padrão um para um, um único data center é protegido por um único site de recuperação. Você também pode optar por proteger vários data centers usando um site de recuperação "compartilhado". Todos os sites protegidos ficam visíveis e podem ser gerenciados nessa única instância da solução de DR no site de recuperação compartilhado. Esse recurso é ideal para empresas que têm vários sites que precisam de proteção. Essa topologia pode ser implementada usando o recurso de site de recuperação compartilhado.

14

Usando a nuvem para melhorar a resiliência dos negócios

Usando a nuvem para melhorar a resiliência dos negócios IBM Global Technology Services White Paper IBM Resiliency Services Usando a nuvem para melhorar a resiliência dos negócios Escolha o provedor de serviços gerenciados certo para mitigar riscos à reputação

Leia mais

White. Paper. Beneficiando se da virtualização de servidores. além da consolidação inicial da carga de trabalho. Junho de 2010

White. Paper. Beneficiando se da virtualização de servidores. além da consolidação inicial da carga de trabalho. Junho de 2010 White Paper Beneficiando se da virtualização de servidores além da consolidação inicial da carga de trabalho Por Mark Bowker Junho de 2010 Este white paper do ESG foi autorizado pela VMware e é distribuído

Leia mais

Proteção de ambientes Microsoft Hyper-V 3.0 com Arcserve

Proteção de ambientes Microsoft Hyper-V 3.0 com Arcserve Proteção de ambientes Microsoft Hyper-V 3.0 com Arcserve Desafios do cliente Hoje em dia, você enfrenta desafios como acordos de nível de serviço exigentes e limitações de equipe e orçamento. Você procura

Leia mais

Proteção de ambientes VMware vsphere/esx com Arcserve

Proteção de ambientes VMware vsphere/esx com Arcserve Proteção de ambientes VMware vsphere/esx com Arcserve Desafios do cliente Hoje em dia, você enfrenta desafios como acordos de nível de serviço exigentes e limitações de equipe e orçamento. Você procura

Leia mais

Proteção de ambientes Citrix XenServer com Arcserve

Proteção de ambientes Citrix XenServer com Arcserve Proteção de ambientes Citrix XenServer com Arcserve Desafios do cliente Hoje em dia, você enfrenta desafios como acordos de nível de serviço exigentes e limitações de equipe e orçamento. Você procura maneiras

Leia mais

Resumo da solução de virtualização

Resumo da solução de virtualização Resumo da solução de virtualização A virtualização de servidores e desktops se tornou muito difundida na maioria das organizações, e não apenas nas maiores. Todos concordam que a virtualização de servidores

Leia mais

Proteção de dados híbrida

Proteção de dados híbrida Proteção de dados híbrida Independentemente de estar protegendo o datacenter, escritórios remotos ou recursos de desktops, você precisa de uma solução que ajude a atender aos exigentes SLAs e às estratégias

Leia mais

arcserve Unified Data Protection Resumo da solução de virtualização

arcserve Unified Data Protection Resumo da solução de virtualização arcserve Unified Data Protection Resumo da solução de virtualização Hoje a virtualização de servidores e desktops é uma realidade não só nas empresas, mas em todos os tipos de negócios. Todos concordam

Leia mais

Como usar a nuvem para continuidade dos negócios e recuperação de desastres

Como usar a nuvem para continuidade dos negócios e recuperação de desastres Como usar a nuvem para continuidade dos negócios e recuperação de desastres Há diversos motivos para as empresas de hoje enxergarem o valor de um serviço de nuvem, seja uma nuvem privada oferecida por

Leia mais

Fabricante Reduz os Custos, Melhora o Serviço e Dinamiza o Gerenciamento com a Virtualização

Fabricante Reduz os Custos, Melhora o Serviço e Dinamiza o Gerenciamento com a Virtualização Virtualização Microsoft: Da Estação de Trabalho ao Data Center Estudo de Caso de Solução de Cliente Fabricante Reduz os Custos, Melhora o Serviço e Dinamiza o Gerenciamento com a Virtualização Visão Geral

Leia mais

Serviços IBM de Resiliência:

Serviços IBM de Resiliência: Serviços IBM de Resiliência: Sempre disponível, em um mundo sempre conectado Como chegamos até aqui? Dois profissionais de TI estão sofrendo com interrupções de negócios frequentes, os problemas estão

Leia mais

UNIFIED. A nova geração de arquitetura para proteger seus dados D TA. em ambientes físicos ou virtuais de forma unificada PROTECTION

UNIFIED. A nova geração de arquitetura para proteger seus dados D TA. em ambientes físicos ou virtuais de forma unificada PROTECTION UNIFIED A nova geração de arquitetura para proteger seus dados D TA em ambientes físicos ou virtuais de forma unificada PROTECTION RESUMO DA SOLUÇÃO UNIFIED DATA PROTECTION Incentivadas pelo crescimento

Leia mais

USE O PODER DA NUVEM. VEJA COMO A NUVEM PODE TRANSFORMAR SEUS NEGÓCIOS.

USE O PODER DA NUVEM. VEJA COMO A NUVEM PODE TRANSFORMAR SEUS NEGÓCIOS. USE O PODER DA NUVEM. VEJA COMO A NUVEM PODE TRANSFORMAR SEUS NEGÓCIOS. A computação em nuvem é uma mudança de paradigma no gerenciamento de TI e de datacenters, além de representar a capacidade da TI

Leia mais

Symantec NetBackup for VMware

Symantec NetBackup for VMware Visão geral A virtualização de servidor é a maior tendência modificadora na área de TI atual. Os departamentos de TI, que dependem do orçamento, estão se apressando para aderir à virtualização por vários

Leia mais

Plano de Recuperação de Desastre em TI

Plano de Recuperação de Desastre em TI Plano de Recuperação de Desastre em TI Edgar T. Monteiro The LatAm Healthcare IT Summit - 2014 >> AGENDA Blue Solutions na Saúde Ameaças para a TI em HeathCare Disaster Recovery >> Blue Solutions 10 anos

Leia mais

as cinco principais batalhas do monitoramento e como você pode vencê-las

as cinco principais batalhas do monitoramento e como você pode vencê-las DOCUMENTAÇÃO TÉCNICA Setembro de 2012 as cinco principais batalhas do monitoramento e como você pode vencê-las agility made possible sumário resumo executivo 3 efetivo do servidor: 3 difícil e piorando

Leia mais

USE O PODER DA NUVEM. VEJA COMO A NUVEM PODE TRANSFORMAR SEUS NEGÓCIOS.

USE O PODER DA NUVEM. VEJA COMO A NUVEM PODE TRANSFORMAR SEUS NEGÓCIOS. USE O PODER DA NUVEM. VEJA COMO A NUVEM PODE TRANSFORMAR SEUS NEGÓCIOS. A computação em nuvem é uma mudança de paradigma no gerenciamento de TI e de datacenters, além de representar a capacidade da TI

Leia mais

Por que os administradores de sistema devem estar atentos ao desempenho de virtualização e armazenamento

Por que os administradores de sistema devem estar atentos ao desempenho de virtualização e armazenamento Por que os administradores de sistema devem estar atentos ao desempenho de virtualização e armazenamento 2013, SolarWinds Worldwide, LLC. Todos os direitos reservados. É importante que os administradores

Leia mais

agility made possible

agility made possible case RESUMO DA SOLUÇÃO CA Migration for SAP Application on Vblock Platforms posso planejar a capacidade e o desempenho dos meus aplicativos SAP de forma eficaz nas Plataformas de Infraestrutura Vblock?

Leia mais

Dez fatos inteligentes que você deve saber sobre storage

Dez fatos inteligentes que você deve saber sobre storage Dez fatos inteligentes que você deve saber sobre storage Tendências, desenvolvimentos e dicas para tornar o seu ambiente de storage mais eficiente Smart decisions are built on Storage é muito mais do que

Leia mais

Alta disponibilidade não é luxo. Como eliminar o tempo de inatividade dentro das pequenas e médias empresas

Alta disponibilidade não é luxo. Como eliminar o tempo de inatividade dentro das pequenas e médias empresas Alta disponibilidade não é luxo. Como eliminar o tempo de inatividade dentro das pequenas e médias empresas A tecnologia da informação (TI) é ao mesmo tempo o ponto forte e ponto fraco das pequenas e médias

Leia mais

CA ARCserve Backup. Visão geral

CA ARCserve Backup. Visão geral INFORME DE PRODUTO: CA ARCSERVE BACKUP R12.5 CA ARCserve Backup CA ARCSERVE BACKUP, O PRODUTO DE ALTA PERFORMANCE, LÍDER DA INDÚSTRIA DE PROTEÇÃO DE DADOS, COMBINA TECNOLOGIA INOVADORA DE ELIMINAÇÃO DE

Leia mais

FAMÍLIA EMC VPLEX. Disponibilidade contínua e mobilidade de dados nos datacenters e entre eles

FAMÍLIA EMC VPLEX. Disponibilidade contínua e mobilidade de dados nos datacenters e entre eles FAMÍLIA EMC VPLEX Disponibilidade contínua e mobilidade de dados nos datacenters e entre eles GARANTINDO DISPONIBILIDADE CONTÍNUA E MOBILIDADE DE DADOS PARA APLICATIVOS ESSENCIAIS A infraestrutura de armazenamento

Leia mais

UNIFIED DATA PROTECTION RESUMO DA SOLUÇÃO

UNIFIED DATA PROTECTION RESUMO DA SOLUÇÃO UNIFIED DATA PROTECTION RESUMO DA SOLUÇÃO arcserve UDP Impulsionadas pelo aumento no volume dos dados e os avanços da tecnologia como a virtualização, as arquiteturas atuais para proteção dos dados deixam

Leia mais

Qual servidor é o mais adequado para você?

Qual servidor é o mais adequado para você? Qual servidor é o mais adequado para você? Proteção de dados Tenho medo de perder dados se e o meu computador travar Preciso proteger dados confidenciais Preciso de acesso restrito a dados Acesso a dados

Leia mais

Melhorando o desempenho do data center por meio da virtualização de bancos de dados SQL Server

Melhorando o desempenho do data center por meio da virtualização de bancos de dados SQL Server Melhorando o desempenho do data center por meio da virtualização de bancos de dados SQL Server Conteúdo Resumo.........................................................1 O papel do SQL Server em pequenas

Leia mais

Acelere sua viagem à virtualização

Acelere sua viagem à virtualização Back to top Acelere sua viagem à virtualização Índice Acelere sua viagem à virtualização........................................ 1 Faça a virtualização trabalhar para você....................................

Leia mais

ARQUITETURA TRADICIONAL

ARQUITETURA TRADICIONAL INTRODUÇÃO Atualmente no universo corporativo, a necessidade constante de gestores de tomar decisões cruciais para os bons negócios das empresas, faz da informação seu bem mais precioso. Nos dias de hoje,

Leia mais

Symantec Backup Exec 2014 V-Ray Edition

Symantec Backup Exec 2014 V-Ray Edition Visão geral O Symantec Backup Exec 2014 V-Ray Edition destina-se a clientes que possuem sistemas total ou parcialmente virtualizados, ou seja, que moveram os servidores de arquivos, servidores de impressão,

Leia mais

Universidade Utiliza Virtualização para Criar Data Center Com Melhor Custo-Benefício e Desempenho

Universidade Utiliza Virtualização para Criar Data Center Com Melhor Custo-Benefício e Desempenho Virtualização Microsoft: Data Center a Estação de Trabalho Estudo de Caso de Solução para Cliente Universidade Utiliza Virtualização para Criar Data Center Com Melhor Custo-Benefício e Desempenho Visão

Leia mais

FAMÍLIA EMC RECOVERPOINT

FAMÍLIA EMC RECOVERPOINT FAMÍLIA EMC RECOVERPOINT Solução econômica para proteção de dados e recuperação de desastres local e remota FUNDAMENTOS Maximize a proteção de dados de aplicativos e a recuperação de desastres Proteja

Leia mais

VMware vcloud Suite 5.8

VMware vcloud Suite 5.8 VMware vcloud Suite 5.8 Licenciamento, preços e pacotes WHITE PAPER Índice Resumo executivo.... 3 Visão geral de licenciamento do.... 3 Unidade de licenciamento: por processador (CPU).... 3 Sem limites

Leia mais

Arcserve Backup: Como proteger ambientes NAS heterogêneos com NDMP

Arcserve Backup: Como proteger ambientes NAS heterogêneos com NDMP Arcserve Backup: Como proteger ambientes NAS heterogêneos com NDMP Phil Maynard UNIDADE DE SOLUÇÕES DE GERENCIAMENTO DE DADOS PARA O CLIENTE FEVEREIRO DE 2012 Introdução Em todos os lugares, o volume de

Leia mais

agility made possible

agility made possible RESUMO DA SOLUÇÃO CA Capacity Management and Reporting Suite for Vblock Platforms você pode planejar efetivamente a migração e o gerenciamento de sistemas e aplicativos nas Plataformas Vblock? agility

Leia mais

Microsoft Azure. Softmanager Soluções em TI. ModernBiz

Microsoft Azure. Softmanager Soluções em TI. ModernBiz Microsoft Azure Softmanager Soluções em TI ModernBiz Programação ModernBiz: seu caminho para a empresa moderna Visão geral do Microsoft Azure Principais soluções de negócios Hospede seus aplicativos na

Leia mais

Documento técnico de negócios

Documento técnico de negócios Documento técnico de negócios Manual de proteção de dados para armazenamento totalmente em flash Principais considerações para o comprador de armazenamento com experiência em tecnologia Documento técnico

Leia mais

O Datacenter Virtualizado e Definido por Software. Thiago Bessa Senior Systems Engineer tbessa@vmware.com

O Datacenter Virtualizado e Definido por Software. Thiago Bessa Senior Systems Engineer tbessa@vmware.com O Datacenter Virtualizado e Definido por Software Thiago Bessa Senior Systems Engineer tbessa@vmware.com Desafios de uma nova era Eras da tecnologia de TI Mainframe Cliente-servidor Nuvem-móvel Expectativas

Leia mais

Otimização do Gerenciamento de Datacenters com o Microsoft System Center

Otimização do Gerenciamento de Datacenters com o Microsoft System Center Otimização do Gerenciamento de Datacenters com o Microsoft System Center Aviso de Isenção de Responsabilidade e Direitos Autorais As informações contidas neste documento representam a visão atual da Microsoft

Leia mais

Informe técnico: Virtualização de endpoints Symantec Endpoint Virtualization Suite Otimização dinâmica do espaço de trabalho

Informe técnico: Virtualização de endpoints Symantec Endpoint Virtualization Suite Otimização dinâmica do espaço de trabalho Informe técnico: Virtualização de endpoints Otimização dinâmica do espaço de trabalho Visão geral O é uma solução poderosa e flexível com foco na produtividade do usuário, independentemente dos equipamentos,

Leia mais

Como posso gerenciar melhor os meus ativos de software e reduzir o risco de auditorias de conformidade?

Como posso gerenciar melhor os meus ativos de software e reduzir o risco de auditorias de conformidade? RESUMO DA SOLUÇÃO CA SERVICE MANAGEMENT - GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE Como posso gerenciar melhor os meus ativos de software e reduzir o risco de auditorias de conformidade? O CA Service Management

Leia mais

Você está fornecendo valor a seus clientes para ajudálos a superar a Paralisação virtual e acelerar a maturidade virtual?

Você está fornecendo valor a seus clientes para ajudálos a superar a Paralisação virtual e acelerar a maturidade virtual? RESUMO DO PARCEIRO: CA VIRTUAL FOUNDATION SUITE Você está fornecendo valor a seus clientes para ajudálos a superar a Paralisação virtual e acelerar a maturidade virtual? O CA Virtual Foundation Suite permite

Leia mais

agility made possible

agility made possible RESUMO DA SOLUÇÃO Otimizando o ciclo de vida dos aplicativos como posso fazer as equipes de desenvolvimento e operações trabalharem juntas para acelerar a entrega e melhorar o desempenho de aplicativos,

Leia mais

Utilizando clusters em aplicações de bancos de dados para reduzir os custos de TI Introdução Arquitetura tradicional vs. Arquitetura em grade

Utilizando clusters em aplicações de bancos de dados para reduzir os custos de TI Introdução Arquitetura tradicional vs. Arquitetura em grade Janeiro de 2010 Utilizando clusters em aplicações de bancos de dados para reduzir os custos de TI Reorganizando para obter eficiência, desempenho e alta disponibilidade Introdução O clustering é a nova

Leia mais

Acelere o valor da computação em nuvem com a IBM

Acelere o valor da computação em nuvem com a IBM Acelere o valor da computação em nuvem com a IBM Obtenha soluções em nuvem comprovadas para as suas prioridades mais urgentes Destaques da solução Saiba sobre os benefícios mais comuns de implementações

Leia mais

White. paper. Otimizando o data center virtual com pools de caminho de dados. EMC PowerPath/VE. Fevereiro de 2011

White. paper. Otimizando o data center virtual com pools de caminho de dados. EMC PowerPath/VE. Fevereiro de 2011 White paper Otimizando o data center virtual com pools de caminho de dados EMC PowerPath/VE Bob Laliberte Fevereiro de 2011 Este white paper do ESG foi encomendado pela EMC e é distribuído sob licença

Leia mais

Backup r16.5 Resumo do produto

Backup r16.5 Resumo do produto Backup r16.5 Resumo do produto Nos negócios, a evolução é constante. A equipe aumenta. Surgem novas filiais. Novos aplicativos são implementados, e geralmente cai sobre você a responsabilidade de garantir

Leia mais

Brochura Como a Hiperconvergência Pode Ajudar a TI

Brochura Como a Hiperconvergência Pode Ajudar a TI Brochura Como a Hiperconvergência Pode Ajudar a TI A próxima onda de virtualização Iniciativas bem intencionadas de TI podem levar a... Brochura Página 2 O que é hiperconvergência? O próximo passo na evolução

Leia mais

RESUMO DA SOLUÇÃO Aperfeiçoando o planejamento de capacidade com o uso do gerenciamento de desempenho de aplicativos

RESUMO DA SOLUÇÃO Aperfeiçoando o planejamento de capacidade com o uso do gerenciamento de desempenho de aplicativos RESUMO DA SOLUÇÃO Aperfeiçoando o planejamento de capacidade com o uso do gerenciamento de desempenho de aplicativos como posso assegurar uma experiência excepcional para o usuário final com aplicativos

Leia mais

O valor empresarial do serviço Datacenter Care da HP

O valor empresarial do serviço Datacenter Care da HP BOLETIM TÉCNICO O valor empresarial do serviço Datacenter Care da HP Patrocinado pela: HP Randy Perry Novembro de 2014 RESUMO EXECUTIVO A IDC atualizou recentemente uma análise dos desafios e oportunidades

Leia mais

Consolidação inteligente de servidores com o System Center

Consolidação inteligente de servidores com o System Center Consolidação de servidores por meio da virtualização Determinação do local dos sistemas convidados: a necessidade de determinar o melhor host de virtualização que possa lidar com os requisitos do sistema

Leia mais

Planejamento da capacidade em ambientes virtuais... Eric Siebert Autor e vexpert. w h i t e p a p e r

Planejamento da capacidade em ambientes virtuais... Eric Siebert Autor e vexpert. w h i t e p a p e r Planejamento da capacidade em ambientes virtuais... Eric Siebert Autor e vexpert Planejamento da capacidade em ambientes virtuais Sinopse A virtualização muda tudo nos datacenters, inclusive o planejamento

Leia mais

agility made possible

agility made possible RESUMO DA SOLUÇÃO DO PARCEIRO Soluções de garantia do serviço da CA Technologies você está ajudando seus clientes a desenvolver soluções de gerenciamento da TI para garantir a qualidade do serviço e a

Leia mais

Nova solução da VMware: vsphere with Operations Management (vsom)

Nova solução da VMware: vsphere with Operations Management (vsom) Nova solução da VMware: with Operations Management (vsom) Tiago Baeta System Manager Brazil 2013 VMware Inc. All rights reserved Objetivos desta sessão Conhecer a oferta mais recente da VMware, o VMware

Leia mais

Folheto Acelere sua jornada rumo à nuvem. Serviços HP Cloud Professional

Folheto Acelere sua jornada rumo à nuvem. Serviços HP Cloud Professional Folheto Acelere sua jornada rumo à nuvem Professional Folheto Professional A HP oferece um portfólio abrangente de serviços profissionais em nuvem para aconselhar, transformar e gerenciar sua jornada rumo

Leia mais

Guia de vendas Windows Server 2012 R2

Guia de vendas Windows Server 2012 R2 Guia de vendas Windows Server 2012 R2 Por que Windows Server 2012 R2? O que é um servidor? Mais do que um computador que gerencia programas ou sistemas de uma empresa, o papel de um servidor é fazer com

Leia mais

Como as organizações estão melhorando a resiliência dos negócios com a disponibilidade contínua de TI

Como as organizações estão melhorando a resiliência dos negócios com a disponibilidade contínua de TI Um Perfil de adoção de tecnologia personalizado encomendado pela EMC Corporation Como as organizações estão melhorando a resiliência dos negócios com a disponibilidade contínua de TI Fevereiro de 2013

Leia mais

Benefícios do Windows Server 2008 R2 Hyper-V para SMB

Benefícios do Windows Server 2008 R2 Hyper-V para SMB Benefícios do Windows Server 2008 R2 Hyper-V para SMB Sumário Introdução... 3 Windows Server 2008 R2 Hyper-V... 3 Live Migration... 3 Volumes compartilhados do Cluster... 3 Modo de Compatibilidade de Processador...

Leia mais

Gerenciamento unificado de recuperação de dados

Gerenciamento unificado de recuperação de dados IBM Software Thought Leadership White Paper Gerenciamento unificado de recuperação de dados Reduzindo risco e custo mediante a simplificação da infraestrutura de recuperação de dados 2 Gerenciamento unificado

Leia mais

Symantec Asset Management Suite 7.5 com a tecnologia Altiris

Symantec Asset Management Suite 7.5 com a tecnologia Altiris Symantec Asset Management Suite 7.5 com a tecnologia Altiris Controle seus ativos, garanta a conformidade e revele economias Informe técnico: Gerenciamento de endpoints Você está pagando por licenças de

Leia mais

CA XOsoft Replication r12.5 e CA XOsoft High Availability r12.5

CA XOsoft Replication r12.5 e CA XOsoft High Availability r12.5 PERGUNTAS MAIS FREQUENTES: CA XOSOFT REPLICATION E CA XOSOFT HIGH AVAILABILITY CA XOsoft Replication r12.5 e CA XOsoft High Availability r12.5 P: O que são CA XOsoft Replication e CA XOsoft High Availability?

Leia mais

Informação é o seu bem mais precioso e você não pode correr riscos de perder dados importantes. Por isso, oferecemos um serviço de qualidade e

Informação é o seu bem mais precioso e você não pode correr riscos de perder dados importantes. Por isso, oferecemos um serviço de qualidade e Informação é o seu bem mais precioso e você não pode correr riscos de perder dados importantes. Por isso, oferecemos um serviço de qualidade e confiança que vai garantir maior eficiência e segurança para

Leia mais

Veritas Storage Foundation da Symantec

Veritas Storage Foundation da Symantec Veritas Storage Foundation da Symantec Gerenciamento de armazenamento heterogêneo on-line O Veritas Storage Foundation oferece uma solução completa para o gerenciamento de armazenamento heterogêneo on-line.

Leia mais

Crescendo e Inovando com um Parceiro Confiável de Suporte

Crescendo e Inovando com um Parceiro Confiável de Suporte IBM Global Technology Services Manutenção e suporte técnico Crescendo e Inovando com um Parceiro Confiável de Suporte Uma abordagem inovadora em suporte técnico 2 Crescendo e Inovando com um Parceiro Confiável

Leia mais

IDC TECHNOLOGY SPOTLIGHT

IDC TECHNOLOGY SPOTLIGHT IDC TECHNOLOGY SPOTLIGHT A importância da inovação em fornecedores de sistemas, serviços e soluções para criar ofertas holísticas Julho de 2014 Adaptado de Suporte a ambientes de datacenter: aplicando

Leia mais

agility made possible

agility made possible RESUMO DA SOLUÇÃO Gerenciamento de ativos de software com o CA IT Asset Manager como posso administrar melhor os meus ativos de software e reduzir o risco de auditorias de conformidade? agility made possible

Leia mais

A virtualização oferece outros benefícios além da economia: Quatro razões convincentes para expandir a virtualização do seu ambiente de TI

A virtualização oferece outros benefícios além da economia: Quatro razões convincentes para expandir a virtualização do seu ambiente de TI A virtualização oferece outros benefícios além da economia: Quatro razões convincentes para expandir a virtualização do seu ambiente de TI As empresas com limitações de recursos estão encontrando muitas

Leia mais

Relatório sobre Segurança da Informação nas Empresas RESULTADOS DA AMÉRICA LATINA

Relatório sobre Segurança da Informação nas Empresas RESULTADOS DA AMÉRICA LATINA 2011 Relatório sobre Segurança da Informação nas Empresas RESULTADOS DA AMÉRICA LATINA SUMÁRIO Introdução... 4 Metodologia... 6 Resultado 1: Cibersegurança é importante para os negócios... 8 Resultado

Leia mais

As dez coisas que você mais precisa considerar ao adquirir uma infraestrutura hiperconvergente

As dez coisas que você mais precisa considerar ao adquirir uma infraestrutura hiperconvergente As dez coisas que você mais precisa considerar ao adquirir uma infraestrutura hiperconvergente Por Scott D. Lowe, vexpert Sócio e co-fundador, ActualTech Media junho de 2015 Índice Índice... 2 Introdução...

Leia mais

Clique. Microsoft. Simples.

Clique. Microsoft. Simples. ARMAZENAMENTO UNIFICADO EMC PARA APLICATIVOS MICROSOFT VIRTUALIZADOS Clique. Microsoft. Simples. Microsoft SQL Server Os bancos de dados do Microsoft SQL Server alimentam os aplicativos essenciais de sua

Leia mais

VMware vsphere. A melhor plataforma para infraestruturas em nuvem F O L H E T O

VMware vsphere. A melhor plataforma para infraestruturas em nuvem F O L H E T O A melhor plataforma para infraestruturas em nuvem F O L H E T O Resumo geral O VMware vsphere é a plataforma de virtualização líder do setor para criação de infraestruturas em nuvem. O vsphere permite

Leia mais

Estratégia da VMware: O modelo corporativo definido por software e o desafio de simplificar a TI. Anderson Ferreira Bruno Amaral 22 Ago 2014

Estratégia da VMware: O modelo corporativo definido por software e o desafio de simplificar a TI. Anderson Ferreira Bruno Amaral 22 Ago 2014 Estratégia da VMware: O modelo corporativo definido por software e o desafio de simplificar a TI Anderson Ferreira Bruno Amaral 22 Ago 2014 Desafios de TI Arquitetura da VMware Estratégia da VMware Sucesso

Leia mais

Como a nuvem mudará as operações de liberação de aplicativos

Como a nuvem mudará as operações de liberação de aplicativos DOCUMENTAÇÃO TÉCNICA Junho de 2013 Como a nuvem mudará as operações de liberação de aplicativos Jacob Ukelson Entrega de aplicativos Sumário Resumo executivo 3 Seção 1: 4 Mudando o cenário de automação

Leia mais

Principais inovações baseadas em nuvem Relatório de início rápido do SAP HANA Enterprise Cloud para [Nome do cliente]

Principais inovações baseadas em nuvem Relatório de início rápido do SAP HANA Enterprise Cloud para [Nome do cliente] Principais inovações baseadas em nuvem Relatório de início rápido do SAP HANA Enterprise Cloud para [Nome do cliente] [Data] Página 1 de 10 DECLARAÇÃO DE CONFIDENCIALIDADE E EXCEÇÕES DA SAP Este documento

Leia mais

Symantec Backup Exec 2012

Symantec Backup Exec 2012 Melhor Backup para todos Data Sheet: Backup e recuperação após desastres Visão geral O é um produto integrado que protege ambientes físicos e virtuais, simplifica o backup e a recuperação após desastres

Leia mais

Plataformas integradas de computação: Opções de infraestrutura para o datacenter do futuro

Plataformas integradas de computação: Opções de infraestrutura para o datacenter do futuro White paper Plataformas integradas de computação: Opções de infraestrutura para o datacenter do futuro Por Mark Bowker, analista sênior, e Perry Laberis, colaborador sênior de pesquisa Março de 2013 Este

Leia mais

Informe técnico: Archiving Symantec Enterprise Vault Armazena, gerencia e descobre informações essenciais da empresa

Informe técnico: Archiving Symantec Enterprise Vault Armazena, gerencia e descobre informações essenciais da empresa Armazena, gerencia e descobre informações essenciais da empresa Gerenciando milhões de caixas de correio de milhares de clientes em todo o mundo, o Enterprise Vault, líder do mercado em archiving de e-mail

Leia mais

EXIN Cloud Computing Fundamentos

EXIN Cloud Computing Fundamentos Exame Simulado EXIN Cloud Computing Fundamentos Edição Maio 2013 Copyright 2013 EXIN Todos os direitos reservados. Nenhuma parte desta publicação pode ser publicado, reproduzido, copiado ou armazenada

Leia mais

Continuidade de Negócio de TI O Sucesso da sua empresa também depende disso. Qual é sua necessidade...

Continuidade de Negócio de TI O Sucesso da sua empresa também depende disso. Qual é sua necessidade... Continuidade de Negócio de TI O Sucesso da sua empresa também depende disso. Qual é sua necessidade... Reduzir custo de TI; Identificar lentidões no ambiente de TI Identificar problemas de performance

Leia mais

Apresentação resumida

Apresentação resumida New Generation Data Protection Powered by AnyData Technology Apresentação resumida Para obter apresentação completa ou mais informações ligue (11) 3441 0989 ou encaminhe e-mail para vendas@dealerse.com.br

Leia mais

Uma abordagem estratégica para atender à demanda de Nuvem

Uma abordagem estratégica para atender à demanda de Nuvem White paper Para provedores de nuvem Uma abordagem estratégica para atender à demanda de Nuvem Introdução: os novos desafios dos clientes estimulam a adoção da nuvem Em um ambiente de negócios dinâmico,

Leia mais

Automatizando o Data Center

Automatizando o Data Center Este artigo examina uma arquitetura alternativa que suporte a automação do data center e o provisionamento dinâmico sem a virtualização do sistema operacional. por Lori MacVittie Gerente Técnico de Marketing,

Leia mais

DÊ A SEUS DBAs ORACLE OS BACKUPS QUE ELES REALMENTE QUEREM

DÊ A SEUS DBAs ORACLE OS BACKUPS QUE ELES REALMENTE QUEREM Por que a série Data Domain DÊ A SEUS DBAs ORACLE OS BACKUPS QUE ELES REALMENTE QUEREM Por que você deve ler este artigo Acelerar os backups (os sistemas Data Domain são 3 vezes mais rápidos que o concorrente

Leia mais

a identidade como o novo perímetro: adotando a nuvem, a plataforma móvel e a mídia social com segurança agility made possible

a identidade como o novo perímetro: adotando a nuvem, a plataforma móvel e a mídia social com segurança agility made possible a identidade como o novo perímetro: adotando a nuvem, a plataforma móvel e a mídia social com segurança agility made possible A transformação da TI e as identidades em evolução Diversas tendências da tecnologia,

Leia mais

transferência da gestão de atendimento para o modelo SaaS

transferência da gestão de atendimento para o modelo SaaS WHITE PAPER Setembro de 2012 transferência da gestão de atendimento para o modelo SaaS Principais problemas e como o CA Nimsoft Service Desk ajuda a solucioná-los agility made possible Índice resumo executivo

Leia mais

Acelere a sua jornada à nuvem

Acelere a sua jornada à nuvem Boletim técnico Acelere a sua jornada à nuvem Arquitetura de nuvem convergente da HP Índice Uma nova computação para a empresa... 2 Evolua a sua estratégia de TI para incluir serviços da nuvem... 2 A nova

Leia mais

CIOs da região Ásia-Pacífico interessados em. liderar o setor de big data e da nuvem

CIOs da região Ásia-Pacífico interessados em. liderar o setor de big data e da nuvem 8 A pesquisa indica ênfase na criação de valor, mais do que na economia de custos; o investimento em big data, na nuvem e na segurança é predominante CIOs da região Ásia-Pacífico interessados em liderar

Leia mais

monitoramento unificado

monitoramento unificado DOCUMENTAÇÃO TÉCNICA monitoramento unificado uma perspectiva de negócios agility made possible sumário resumo executivo 3 Introdução 3 Seção 1: ambientes de computação emergentes atuais 4 Seção 2: desafios

Leia mais

cortesia de F5 NETWORKS guia 1 Novas Tecnologias Para Recuperação de Desastres/Continuidade dos Negócios visão geral f5 networks P

cortesia de F5 NETWORKS guia 1 Novas Tecnologias Para Recuperação de Desastres/Continuidade dos Negócios visão geral f5 networks P visão geral cortesia de F5 NETWORKS guia 1 Novas Tecnologias Para Recuperação de Desastres/Continuidade dos Negócios f5 networks P Continuidade dos Negócios, Recuperação de Desastres e Consolidação do

Leia mais

EMC UNIFIED INFRASTRUCTURE MANAGER

EMC UNIFIED INFRASTRUCTURE MANAGER EMC UNIFIED INFRASTRUCTURE MANAGER Facilite a transição para uma infraestrutura em nuvem privada ou híbrida nos Vblock Systems Crie um ambiente único e virtualizado Provisione como uma só infraestrutura

Leia mais

Sistema IBM PureApplication

Sistema IBM PureApplication Sistema IBM PureApplication Sistema IBM PureApplication Sistemas de plataforma de aplicativos com conhecimento integrado 2 Sistema IBM PureApplication A TI está vindo para o centro estratégico dos negócios

Leia mais

SolarWinds Virtualization Manager

SolarWinds Virtualization Manager SolarWinds Virtualization Manager Gerenciamento potente e unificado da virtualização que não ultrapassa seu orçamento! A SolarWinds aprimorou a forma pela qual profissionais de TI de todo o mundo gerenciam

Leia mais

USE O PODER DA NUVEM. VEJA COMO A NUVEM PODE TRANSFORMAR SEUS NEGÓCIOS.

USE O PODER DA NUVEM. VEJA COMO A NUVEM PODE TRANSFORMAR SEUS NEGÓCIOS. USE O PODER DA NUVEM. VEJA COMO A NUVEM PODE TRANSFORMAR SEUS NEGÓCIOS. A computação em nuvem é uma mudança de paradigma no gerenciamento de TI e de datacenters, além de representar a capacidade da TI

Leia mais

TRANSFORME SUA INFRAESTRUTURA DE BANCO DE DADOS

TRANSFORME SUA INFRAESTRUTURA DE BANCO DE DADOS TRANSFORME SUA INFRAESTRUTURA DE BANCO DE DADOS Bancos de dados como Oracle e SQL Server demandam latência consistentemente baixa e um desempenho excepcional de I/O para responder instantaneamente a consultas/transações

Leia mais

Symantec NetBackup 7.1 Clients and Agents Complete protection for your information-driven enterprise

Symantec NetBackup 7.1 Clients and Agents Complete protection for your information-driven enterprise Complete protection for your information-driven enterprise Visão geral O Symantec NetBackup oferece uma seleção simples e abrangente de clientes e agentes inovadores para otimizar a performance e a eficiência

Leia mais

Perguntas frequentes dos vendedores sobre preços e licenciamento do SQL Server 2012

Perguntas frequentes dos vendedores sobre preços e licenciamento do SQL Server 2012 Perguntas frequentes dos vendedores sobre preços e licenciamento do SQL Server 2012 Publicado: 3 de Novembro de 2011 Direitos autorais Este documento foi desenvolvido antes da fabricação do produto, portanto

Leia mais