FingerTech Importação e Comércio de produtos tecnológicos LTDA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "FingerTech Importação e Comércio de produtos tecnológicos LTDA"

Transcrição

1

2 FingerTech Importação e Comércio de produtos tecnológicos LTDA Avenida Tiradentes, Torre 2 5 Andar - Sala 502 Jardim Shangrilá A Londrina - PR

3 Sumário 1. Introdução Características Componentes Características e Funcionamento Conhecendo Fisicamente IMPORTANTE: Capa protetora Precauções Usuários do Produto Informações práticas e resumidas para a operação do StartFinger Cadastrar Usuários Masters: (LED VERDE) Cadastrar Usuários Comuns: (LED AZUL) Liberação do veículo Modo Manobrista Ativação do modo manobrista (LED VERMELHO) Desativação do modo manobrista (LEDs AZUL e VERDE) Exclusão de Usuários Exclusão de um Usuário Master Exclusão de todos os Usuários Masters Exclusão de um Usuário Comum Exclusão de todos os Usuários Comuns Causas possíveis de falha nas etapas de exclusão Regras de exclusão Modo Pânico Informações Gerais Informações Técnicas Precauções sobre a utilização da digital (dedo) Suporte Garantia... 22

4 Capítulo 1 1. Introdução É um prazer tê-lo como cliente. Leia este manual com cuidado antes de iniciar a operação do seu StartFinger. Este manual contém informações importantes e necessárias para a correta operação do leitor e seu sistema antifurto. O StartFinger é um produto antifurto de alta tecnologia para veículos automotores. Com a utilização de um escaner biométrico de impressão digital, o sistema reconhece e permite somente aos usuários previamente cadastrados e autorizados a utilizarem o veículo, bloqueando todas e quaisquer ações diferentes das pré-definidas no cadastramento. 1.1 Características Sistema de proteção contra utilização não autorizada e furtos de veículos. Permite o cadastro de até 50 usuários, sendo duas digitais para uso do veículo e uma digital para pânico. Impede que um usuário comum faça o cadastro ou exclusão de digitais, pois este só terá autorização para desbloquear e utilizar o veículo. Alta velocidade na leitura da digital e imediata liberação do veículo. Sistema independente de outros sistemas de segurança instalados no veículo, como alarmes. 4

5 1.2 Componentes O StartFinger é composto por: Módulo Central. Kit de leitor biométrico de impressão digital. Chicote Alimentação, Chicote Painel e Chicote Bloqueio. Manual de Operações e Instalação. Capítulo 1 5

6 2. Características e Funcionamento 2.1 Conhecendo Fisicamente O StartFinger é composto pelo módulo central, instalado no interior do painel do veículo, e pelo kit de leitor biométrico instalado no exterior do painel, conforme a ilustração abaixo. 6 Todas as funções do sistema como cadastro, exclusão e identificação de digital serão realizados através do kit de leitor biométrico.

7 2.1.1 IMPORTANTE: Capa protetora A capa protetora do StartFinger deve ser utilizada sempre que houver incidência direta da luz solar sobre o sensor. A luz do sol incidindo diretamente no leitor pode dificultar a captura da digital, o que impede a liberação do veículo. 2.2 Precauções Após a instalação do StartFinger deve-se imediatamente cadastrar uma digital Master no sistema, para que o produto já possa iniciar suas funções de segurança antifurto. O CADASTRAMENTO DOS USUÁRIOS NO APARELHO StartFinger SOMENTE SERÁ POSSÍVEL COM O VEÍCULO DESLIGADO. 2.3 Usuários do Produto No StartFinger podem ser cadastrados dois tipos de usuários: Usuários Masters e Usuários Comuns. Ambos terão autonomia para desbloquear e utilizar o veículo. Usuários Masters: podem incluir e excluir cadastro de digitais de Masters ou Comuns, além de ativação e desativação do modo manobrista. Usuários Comuns: podem apenas usar o veículo e ativar ou desativar o modo manobrista. Modo Manobrista: o modo manobrista é uma opção que permite que o veículo volte a ser utilizado de maneira convencional, não precisando inserir a digital. O sistema emitirá três sinais de alerta sonoro todas as vezes que o usuário ligar a 7

8 ignição, com o intuito de lembrá-lo de acionar novamente as funções do StartFinger. Exemplos para usos frequentes neste modo: manobrista, mecânicos, lava carros, instaladores de som, etc. IMPORTANTE: Ao pegar o veículo, após o uso por pessoas não cadastradas, certifique-se que não houve nenhuma tentativa de cadastramento no aparelho StartFinger, pois o primeiro cadastro é livre e pode ser realizado pela primeira pessoa que operar o produto. 2.4 Informações práticas e resumidas para a operação do StartFinger Por segurança, sugerimos que sejam efetuados pelo menos dois cadastros de Usuário Master, para o motorista mais frequente do veículo. Cadastrar Usuários Masters: (LED VERDE) Cadastrar Usuários Comuns: (LED AZUL) Ativar o modo manobrista: (LED VERMELHO) Desativar o modo manobrista: (LEDs VERDE E AZUL) Apagar usuário Master ou todos os Masters: (LEDs VERDE E VERMELHO) Apagar usuário Comum ou todos os Comuns: (LEDs AZUL E VERMELHO) A operação do StartFinger será bem mais fácil, tranquila e rápida, se o usuário memorizar e vincular as cores dos leds, aos principais comandos do produto, conforme explicado. 8

9 2.5 Cadastrar Usuários Masters: (LED VERDE) Para iniciar o cadastramento, eleja três dedos a serem cadastrados, sendo dois para serem utilizados para ligar o veículo e o terceiro para ser utilizado como emergência (pânico). Pressionando o botão, o sensor da digital será ativado. Entre com a digital para iniciar o procedimento. 1. Acionar o botão até acender o LED Verde. Cadastro do primeiro dedo 2. Após cinco segundos com o LED Verde aceso o sistema emitirá um aviso sonoro e o sensor será ativado (a luz do sensor acenderá e ficará piscando). 3. Colocar o primeiro dedo sobre o sensor e retirar após o aviso sonoro. Este é o cadastro do primeiro dedo. Neste momento serão emitidos dois avisos sonoros curtos confirmando o cadastramento. Se o aviso sonoro for longo, significa que ocorreu falha e a operação foi descartada. É necessário repetir a operação liberando novamente o menu com a digital master. Cadastro do segundo dedo 4. Após dois segundos o sensor será ativado novamente. Colocar o segundo dedo sobre o sensor e retirar após o aviso sonoro. Este é o cadastro do segundo dedo. Neste momento serão emitidos dois avisos sonoros curtos confirmando o cadastramento. Se o aviso sonoro for longo, significa que ocorreu falha e a operação foi descartada. Cadastro do terceiro dedo (pânico) 5. Após dois segundos o sensor será ativado novamente. 9

10 Colocar o terceiro dedo sobre o sensor e retirá-lo quando a luz se apagar, em seguida o sensor ativará novamente e o mesmo dedo deverá ser reposicionado no sensor. O sensor se apagará e emitirá dois avisos sonoros curtos confirmando o cadastramento. Se o aviso sonoro for longo, significa que ocorreu falha e a operação foi descartada. 6. A partir desta última etapa, o sensor se auto desligará e serão emitidos quatro avisos sonoros curtos, indicando o final do cadastro com sucesso. OBSERVAÇÕES IMPORTANTES: Nas fases de cadastramentos (acima), será obrigatório que o dedo seja retirado do sensor e reposicionado, sempre após os avisos sonoros. Caso contrário a operação será descartada. Apenas o dedo de pânico deverá ser colocado duas vezes para o cadastro. 10

11 2.6 Cadastrar Usuários Comuns: (LED AZUL) Para iniciar o cadastramento, eleja três dedos a serem cadastrados, sendo dois para serem utilizados para ligar o veículo e o terceiro para ser utilizado como emergência (pânico). Pressionando o botão, o sensor da digital será ativado. Entre com a digital para iniciar o procedimento. 1. Acionar o botão até acender o LED Azul. Cadastro do primeiro dedo 2. Após cinco segundos com o LED Azul aceso o sistema emitirá um aviso sonoro e o sensor será ativado (a luz do sensor acenderá e ficará piscando). 3. Colocar o primeiro dedo sobre o sensor e retirar após o aviso sonoro. Este é o cadastro do primeiro dedo. Neste momento serão emitidos dois avisos sonoros curtos confirmando o cadastramento. Se o aviso sonoro for longo, significa que ocorreu falha e a operação foi descartada. É necessário repetir a operação, liberando novamente o menu com a digital master. Cadastro do segundo dedo 4. Após dois segundos o sensor será ativado novamente. Colocar o segundo dedo sobre o sensor e retirar após o aviso sonoro este é o cadastro do segundo dedo. Neste momento serão emitidos dois avisos sonoros curtos confirmando o cadastramento. Se o aviso sonoro for longo, significa que ocorreu falha e a operação foi descartada. 11

12 Cadastro do terceiro dedo (pânico) 5. Após dois segundos o sensor será ativado novamente. Colocar o terceiro dedo sobre o sensor e retirá-lo quando a luz se apagar. Em seguida, o sensor ativará novamente e o mesmo dedo deverá ser reposicionado no sensor. O sensor se apagará e emitirá dois avisos sonoros curtos confirmando o cadastramento. Se o aviso sonoro for longo, significa que ocorreu falha e a operação foi descartada. 6. A partir desta última etapa, o sensor se auto desligará e serão emitidos quatro avisos sonoros curtos indicando o final do cadastro com sucesso. OBSERVAÇÕES IMPORTANTES: Nas fases de cadastramentos (acima), será obrigatório que o dedo seja retirado de cima do sensor e reposicionado, sempre após os avisos sonoros. Caso contrário, a operação será descartada. Apenas o dedo de pânico deverá ser colocado duas vezes para o cadastro. Primeiro cadastro de Usuário O primeiro cadastro de digitais no StartFinger terá a mesma autonomia de Usuário Master, mesmo que este tenha utilizado o cadastro de Usuário Comum, até que o primeiro cadastro no modo Master seja concluído. A partir desta fase o usuário anterior voltará a ter autonomia somente de Usuário Comum. Caso sejam cadastrados vários Usuários Comuns, sem utilizar o cadastro de Master para este processo, somente o primeiro Usuário Comum terá os direitos de Usuário Master. 12

13 2.7 Liberação do veículo Para efetuar o desbloqueio do veículo, deve-se virar a chave do contato até a posição 1, que é a posição em que o painel do veículo acende, sem dar partida e sem funcionar o motor. Neste momento os três LEDs e o sensor irão acender indicando que o usuário deve inserir a digital para liberação. Após a inserção da digital: Se for reconhecida, o produto emitirá três avisos sonoros curtos e liberará a partida para utilização do veículo. Se não for reconhecida, o produto emitirá um aviso sonoro longo e solicitará novamente a digital no leitor, deixando o veículo bloqueado para o uso, até o aceite da digital correta. O StartFinger solicitará a digital por até três vezes. Se ocorrerem três falhas sucessivas será necessário desligar a ignição e repetir o processo de liberação novamente. 13

14 2.8 Modo Manobrista Ativação do modo manobrista (LED VERMELHO) Pressione o botão e o sensor da digital será ativado. Entre com a digital para iniciar o procedimento. Pressionar o botão até que se acenda o LED Vermelho. Aguardar cinco segundos. Se houver digital cadastrada no produto o sensor da digital será ativado. Inserir uma digital cadastrada para concluir o processo. Se o sistema emitir um aviso sonoro longo é porque ocorreu falha. Se emitir dois avisos sonoros curtos estará indicando sucesso na operação. Se não houver digital cadastrada o sistema emitirá um aviso sonoro indicando sucesso na operação Desativação do modo manobrista (LEDs AZUL e VERDE) Pressione o botão e o sensor da digital será ativado. Entre com a digital para iniciar o procedimento. Pressionar o botão até que se acenda os LEDs AZUL e VERDE. Se houver digital cadastrada no produto o sensor da digital será ativado. Inserir uma digital cadastrada para concluir o processo. Se o sistema emitir um aviso sonoro longo é porque ocorreu falha. Se emitir dois avisos sonoros curtos estará indicando sucesso na operação.

15 Se não houver digital cadastrada o sistema emitirá um aviso sonoro indicando sucesso na operação. Falhas na etapa de cadastro É possível que durante alguma das etapas do cadastro, descritas anteriormente, ocorram falhas. Se isso ocorrer, o sistema emitirá um aviso sonoro longo, ao invés de emitir dois avisos sonoros curtos que indicam operação concluída com sucesso. Essas falhas podem decorrer de alguns fatores descritos na seção a seguir. Causas possíveis de falha nas etapas de cadastro Digital danificada (pequenos cortes ou machucados nos dedos a serem utilizados). Digital rasa ou apagada. Dedo mal posicionado sobre o sensor. Dedo molhado ou umedecido. Dedo sujo ou com gordura ou óleo na parte externa da digital. Dedo pressionado com muita força sobre o sensor. Dedo colocado sem força sobre o sensor. Causas possíveis de falha nas etapas de cadastro do dedo pânico Além das causas já enumeradas acima: Se o dedo não foi removido e recolocado sobre o sensor quando a luz vermelha estava apagada (é quando o sistema solicita o primeiro dedo de pânico e depois pede a confirmação deste mesmo dedo). 15

16 Dedo diferente do colocado sobre o sensor na primeira etapa de cadastro do dedo pânico. 2.9 Exclusão de Usuários A exclusão de Usuários Masters ou Comuns somente poderá ser realizada se o processo for liberado por um Usuário Master Exclusão de um Usuário Master Pressione o botão e o sensor do leitor da digital será ativado. Entre com a digital Master para iniciar o procedimento. Pressione o botão até acenderem os LEDs verde e vermelho. Após cinco segundos o sensor será ativado e a digital Master a ser excluída deverá ser colocada sobre o sensor. Em caso de sucesso são emitidos seis avisos sonoros. Em caso de falha é emitido um aviso sonoro longo Exclusão de todos os Usuários Masters Pressione o botão e o sensor do leitor da digital será ativado. Entre com a digital Master para iniciar o procedimento. Pressione o botão até acenderem os LEDs verde e vermelho. Após cinco segundos o sensor será ativado. Não colocar nenhuma digital sobre o sensor. Após oito segundos o sistema emitirá três avisos sonoros e o sensor será ativado novamente. Inserir a digital de um Usuário Master para concluir a operação. 16

17 Em caso de sucesso serão emitidos três avisos sonoros. Em caso de falha será emitido um aviso sonoro longo Exclusão de um Usuário Comum Pressione o botão e o sensor do leitor da digital será ativado. Entre com a digital Master para iniciar o procedimento. Pressione o botão até acenderem os LEDs azul e vermelho. Após cinco segundos o sensor será ativado e a digital de Usuário Comum a ser excluída deverá ser colocada sobre o sensor. Em caso de sucesso são emitidos seis avisos sonoros. Em caso de falha é emitido um aviso sonoro longo Exclusão de todos os Usuários Comuns Pressione o botão e o sensor do leitor da digital será ativado. Entre com a digital Master para iniciar o procedimento. Pressione o botão até acenderem os LEDs azul e vermelho. Após cinco segundos o sensor será ativado. Não colocar nenhuma digital sobre o sensor. Após oito segundos o sistema emitirá três avisos sonoros e o sensor será ativado novamente. Inserir a digital de um Usuário Master para concluir a operação. Em caso de sucesso serão emitidos três avisos sonoros. Em caso de falha será emitido um aviso sonoro longo Causas possíveis de falha nas etapas de 17

18 exclusão A falha de exclusão de digital pode ocorrer pelos seguintes fatores: 1. A digital a ser excluída não está cadastrada no sistema. 2. A digital inserida no momento da leitura não conseguiu ser identificada. Repetir o processo de exclusão. 3. Alguma das regras de exclusão descritas na seção foi violada Regras de exclusão Exclusão de um Master Um Usuário Master não poderá ser excluído se: 1. O produto estiver com mais de um Usuário Master cadastrado e o menu Master foi liberado anteriormente com a mesma digital a ser apagada. 2. O produto encontra-se só com um Usuário Master cadastrado e com pelo menos um Usuário Comum cadastrado. Exclusão de todos os Usuários Masters Não será possível se: 1. Ao iniciar o processo, ainda existir Usuários Comuns cadastrados no produto Modo Pânico O modo pânico é uma ferramenta que aumenta significativa-

19 mente as chances de recuperação do veículo em caso de roubo. Este recurso será ativado quando no momento da identificação do motorista na partida do veículo, for inserida uma digital que foi cadastrada como pânico. Sugerimos que seja um dedo diferenciado e fácil de ser lembrado pelos usuários do mesmo. Quando o veículo for ativado em modo pânico, ele sofrerá bloqueio automático após 10 minutos do início da operação, obedecendo as seguintes regras abaixo: Ele alertará periodicamente com avisos sonoros longos e intervalos de tempo, que o modo pânico está ativado. Faltam cinco minutos para o bloqueio; Faltam dois minutos e meio para o bloqueio; Falta um minuto para o bloqueio; Restando dez segundos para o bloqueio, o produto apitará uma vez a cada dois segundos e a partir daí o veículo será automaticamente bloqueado e para desbloqueá-lo, será necessário inserir uma digital cadastrada e validada no produto. 19

20 3. Informações Gerais 3.1 Informações Técnicas Capítulo 3 Elétricas Tensão de operação 9V a 40V Corrente máxima 250mA Corrente em powerdown 23mA Potencia Máxima 3W Corrente máxima do relê de corte 40A Sistema Tempo de análise da digital < 2 segundos Numero máximo de usuários 50 Mecânicas Temperatura de operação -40 C a +85 C Temperatura de armazenamento -40 C a +85 C Umidade relativa a +25 C 98% Dimensão (módulo externo) 53x91x40mm (LxAxP) Dimensão (módulo interno) 60x82x31mm (LxAxP) Comprimento dos cabos 1 metro e 1,5 metros 20

21 3.2 Precauções sobre a utilização da digital (dedo) Regra número um Ao posicionar o dedo sobre o leitor, fazer de tal forma a permitir que todo o vidro seja coberto pela digital (área máxima de contato). Aplicar pressão suficiente para que a digital esteja em contato firme com o sensor. Regra número dois Quando for utilizar o StartFinger após o cadastramento, posicionar o dedo sobre o sensor exatamente no mesmo sentido e orientação de quando o dedo foi cadastrado. Se a digital foi inserida na ponta dos dedos podem ocorrer falhas de identificação. Regra número três O dedo ao ser colocado sobre o sensor, tanto no cadastramento quanto na leitura, deverá estar seco e limpo. Capítulo 3 Regra número quatro Não rotacionar o dedo sobre o sensor mais de 45 para nenhum lado, em relação ao mesmo no cadastro. 21

22 3.3 Suporte Para obtenção de informações ou serviços entre em contato com o SAC (Serviço de Atendimento ao Consumidor) da Fingertech: Telefone: (43) Site: Garantia Garantia do produto: 12 meses a partir da emissão da nota fiscal. Capítulo 3 IMPORTANTE: A violação de qualquer um dos lacres Void resultará em perda imediata da garantia. 22

23

24

ST 160 ST 160 0 # Manual de Referência e Instalação

ST 160 ST 160 0 # Manual de Referência e Instalação ST 160 ST 160 1 2 3 4 5 6 7 8 9 0 # Manual de Referência e Instalação Descrições 1 1 2 3 4 5 6 7 8 9 0 # 3 2 Número Descrição 1 Indicador de modo 2 Antena 3 Matriz do Teclado 4 Parafuso Especificações

Leia mais

Manual de operação. BS Ponto Versão 5.1

Manual de operação. BS Ponto Versão 5.1 Manual de operação BS Ponto Versão 5.1 conteúdo 1. Instalação do sistema Instalando o BS Ponto Configurando o BS Ponto 2. Cadastrando usuários Cadastro do usuário Master Alterando a senha Master Cadastro

Leia mais

STOPSAT 02. Índice. Revisão 01/10/2003

STOPSAT 02. Índice. Revisão 01/10/2003 Revisão 01/10/2003 TECMORE AUTOMAÇÃO COMÉRCIO LTDA Rua Marechal Deodoro, 2709-Centro São Carlos-SP CEP 13.560-201 Tel (16) 274-3885 / Fax (16) 274-7300 www.tecmore.com.br STOPSAT 02 Índice 1 Descrição

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES ALARME AUTOMOTIVO HBA-2000 RECURSOS DE CONFORTO & COMODIDADE PARA SEU VEÍCULO IMAGEM MERAMENTE ILUSTRATIVA

MANUAL DE INSTRUÇÕES ALARME AUTOMOTIVO HBA-2000 RECURSOS DE CONFORTO & COMODIDADE PARA SEU VEÍCULO IMAGEM MERAMENTE ILUSTRATIVA MANUAL DE INSTRUÇÕES ALARME AUTOMOTIVO HBA-2000 RECURSOS DE CONFORTO & COMODIDADE PARA SEU VEÍCULO IMAGEM MERAMENTE ILUSTRATIVA ÍNDICE A H-Buster líder em Áudio e Vídeo automotivo lança o alarme automotivo

Leia mais

Central de Alarme de Oito Zonas

Central de Alarme de Oito Zonas Central de Alarme de Oito Zonas R02 ÍNDICE CARACTERÍSTICAS GERAIS:... 3 CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS:... 3 CONHECENDO A CENTRAL:... 4 COMO A CENTRAL FUNCIONA:... 4 COMO APAGAR A MEMÓRIA DA CENTRAL:... 4 COMO

Leia mais

Manual; Módulo de Alarme com Sirene Piezo Elétrica Dedicada; Dois Transmissores com Bateria; Chicote de Potência.

Manual; Módulo de Alarme com Sirene Piezo Elétrica Dedicada; Dois Transmissores com Bateria; Chicote de Potência. COMPOSIÇÃO DO SISTEMA DE ALARME Manual; Módulo de Alarme com Sirene Piezo Elétrica Dedicada; Dois Transmissores com Bateria; Chicote de Potência. INFORMAÇÕES AO PROPRIETÁRIO 1. OPERAÇÕES BÁSICAS DO ALARME

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO X 7

MANUAL DO USUÁRIO X 7 MODELO: X 7 http://www.newello.com.br/ Newello Tecnologia com Responsabilidade 1 Procedimento recomendado: Passo 1: Instale o dispositivo e ligar. Passo 2: Após a senha do estiver autenticada e alterada,

Leia mais

Conect. Senha. Manual de Instalação Controle de Acesso C203702R3

Conect. Senha. Manual de Instalação Controle de Acesso C203702R3 Conect Senha C203702R3 Manual de Instalação Controle de Acesso : 1 - Antes de Começar...01 2 - Características Gerais... 02 3 - O Teclado... 03 4 - Instalação... 04 5 - Sinalização Audível... 05 6 - Sinalização

Leia mais

Verifique se todos os itens descritos no Kit de Rastreamento estão presentes na embalagem do produto.

Verifique se todos os itens descritos no Kit de Rastreamento estão presentes na embalagem do produto. APRESENTAÇÃO DO PRODUTO Com o intuito de fornecer ao mercado um dispositivo de rastreamento seguro e confiável, com base na mais alta tecnologia de rastreamento de veículos, seguindo rígidos padrões de

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO CENTRAL MC 4D

MANUAL DO USUÁRIO CENTRAL MC 4D 12 Manual do Usuário Intrusos podem entrar em zonas sem proteção, ou ter sofisticação para isolar um sensor ou desconectar dispositivos de aviso de alarme; Central, detectores, sensores só funcionam quando

Leia mais

MANUAL DE OPERAÇÃO. COMPOSIÇÃO DO TRANSMISSOR (Figura 1) DIVISÃO DESTE MANUAL. Este manual está dividido em duas partes:

MANUAL DE OPERAÇÃO. COMPOSIÇÃO DO TRANSMISSOR (Figura 1) DIVISÃO DESTE MANUAL. Este manual está dividido em duas partes: MANUAL DE OPERAÇÃO INTRODUÇÃO: O FLASH PRESENÇA MOTO foi desenvolvido especialmente para a utilização em Motos, porque o mercado necessita de um aparelho versátil, de pequenas dimensões e completo, que

Leia mais

DL 1000. Manual de instalação e operação

DL 1000. Manual de instalação e operação DL 1000 Manual de instalação e operação Indice 1) Introdução 1.1) Principais Recursos 1.2) Especificações Técnicas 1.3) Dimensões (mm) 2) Instrução de Operação 2.1) Operação com chave mecânica 2.1.1) Destravando

Leia mais

DL-1500. Manual de Operação. www.dlock.com.br

DL-1500. Manual de Operação. www.dlock.com.br DL-1500 Manual de Operação Agradecemos por ter adquirido este produto Leia o manual por completo antes de utilizar o produto Guarde este manual para futuras referências www.dlock.com.br Observações: 1.

Leia mais

Controle de Acesso Stand Alone Biofinger 22K

Controle de Acesso Stand Alone Biofinger 22K Imagem meramente ilustrativa Controle de Acesso Stand Alone Biofinger 22K 1 Sumário Apresentação... 3 1. Fixação do Equipamento... 3 2. Estrutura e Funções... 4 3. Conexões... 4 4. Conexão com outros acessórios...

Leia mais

Portaria Express 3.0

Portaria Express 3.0 Portaria Express 3.0 A portaria do seu condomínio mais segura e eficiente. Com a preocupação cada vez mais necessária de segurança nos condomínio e empresas, investe-se muito em segurança. Câmeras, cercas,

Leia mais

www.sulton.com.br 1. Apresentação do Tele Alarme Tom e Pulso

www.sulton.com.br 1. Apresentação do Tele Alarme Tom e Pulso 1. Apresentação do Tele Alarme Tom e Pulso Equipamento desenvolvido a fim de realizar automaticamente discagens telefônicas para aviso de alarme. Podendo ser implementado praticamente à todos os sistema

Leia mais

Instalando o software Access Manager... 2. Configurando o terminal NAC-2500... 7. Configurando o software Access Manager e registrando o NAC-2500...

Instalando o software Access Manager... 2. Configurando o terminal NAC-2500... 7. Configurando o software Access Manager e registrando o NAC-2500... Guia rápido de instalação do NAC-2500 S Conteúdo Instalando o software Access Manager... 2 Configurando o terminal NAC-2500... 7 Configurando o software Access Manager e registrando o NAC-2500... 8 Inserindo

Leia mais

Chamada Telefônica: Esta função complementa o Anti-furto acessando remotamente as funções de equipamento.

Chamada Telefônica: Esta função complementa o Anti-furto acessando remotamente as funções de equipamento. Página 1 de 7 C:\ BloqueioCelular\ Manuais\ Bt4000Plus\ BT4000PlusManualOperacao\BT4000PlusManOperacao.doc 1-INTRODUÇÃO O Bloqueador via Celular CERRUNS BT4000 Plus é um sistema de segurança que permite

Leia mais

Hera Indústria de Equipamentos Eletrônicos LTDA. Manual de Instalação e Operação. Central de alarme HR 4020 2 setores HERA.

Hera Indústria de Equipamentos Eletrônicos LTDA. Manual de Instalação e Operação. Central de alarme HR 4020 2 setores HERA. Central de alarme HR 4020 2 setores HERA Manual do Usuário 1 Índice: 1 Aplicação... 3 2 Características... 3 3 - Apresentação da Central... 3 3.1 - Parte externa... 3 3.2 - Parte interna... 4 4 - Diagramas

Leia mais

Caso já seja usuário do SCAW siga as instruções a partir da página X.

Caso já seja usuário do SCAW siga as instruções a partir da página X. Caso já seja usuário do SCAW siga as instruções a partir da página X. Para iniciar o sistema dê um duplo clique no ícone, que se encontra na área de trabalho. 1 Login do sistema. Esta é a tela de login

Leia mais

Manual de utilização do módulo NSE METH-8RL/Exp

Manual de utilização do módulo NSE METH-8RL/Exp INSTALAÇÃO 1 - Baixe o arquivo Software Configurador Ethernet disponível para download em www.nse.com.br/downloads-manuais e descompacte-o em qualquer pasta de sua preferência. 2 - Conecte a fonte 12Vcc/1A

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO FECHADURA ELETRÔNICA COM VISOR BASIC PLUS

MANUAL DO USUÁRIO FECHADURA ELETRÔNICA COM VISOR BASIC PLUS 1 / 11 MANUAL DO USUÁRIO FECHADURA ELETRÔNICA COM VISOR 2 / 11 ÍNDICE 1 IDENTIFICAÇÃO... 3 2 INSTALAÇÃO... 3 2.1 Conteúdo... 3 2.2 Desembalagem... 4 2.3 Instruções de Instalação... 4 2.3.1 Fixação do teclado

Leia mais

Guia de consulta rápida

Guia de consulta rápida Guia de consulta rápida DigiFlash Smart Trigger 1 2 3 4 5 17 Smart Trigger 6 7 8 9 16 15 14 13 12 11 10 O DigiFlash Smart Trigger é um dispositivo para disparar flashes a partir de um evento externo. Pode

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÃO E INSTALAÇÃO

MANUAL DE INSTRUÇÃO E INSTALAÇÃO MANUAL DE INSTRUÇÃO E INSTALAÇÃO ALARME MICROCONTROLADO PARABÉNS O Sistema de segurança OMEGA 7 que você adquiriu, é o que há de mais avançado no mercado, pois reúne a tecnologia dos modernos micro controladores,

Leia mais

Manual DO Lojista. Os únicos que funcionam com comando pela internet e telefone.

Manual DO Lojista. Os únicos que funcionam com comando pela internet e telefone. Manual DO Lojista Os únicos que funcionam com comando pela internet e telefone. Alarmes Cyber PX 293@, Cyber FX 293@ e DuoBlock PX G5 com bloqueio remoto. Prezado lojista, você está recebendo instruções

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO SISTEMA DE CADASTRO INTRANET

MANUAL DE UTILIZAÇÃO SISTEMA DE CADASTRO INTRANET MANUAL DE UTILIZAÇÃO SISTEMA DE CADASTRO INTRANET I Sumário 1. Objetivo do Documento... 1 2. Início... 1 3. Cadastro de Pessoa Física... 3 3.1. Preenchimentos Obrigatórios.... 4 3.2. Acesso aos Campos

Leia mais

Controle Patrimonial WEB

Controle Patrimonial WEB Cccc Controle Patrimonial WEB Manual Inventário Conteúdo. Introdução... 3 2. Inventário... 3 2.. Abertura do inventário... 4 2.2. Relatório para Inventário... 5 2.2.. Contagem física e verificação do estado

Leia mais

Manual de Instalação. Conect Senha RF. ECP Eletromatic Controle e Proteção Fone: (14) 3407-4000 SAC: 0800 772-6710.

Manual de Instalação. Conect Senha RF. ECP Eletromatic Controle e Proteção Fone: (14) 3407-4000 SAC: 0800 772-6710. Manual de Instalação Conect Senha RF ECP Eletromatic Controle e Proteção Fone: (14) 3407-4000 SAC: 0800 772-6710 C204557 - Rev 1 Índice: 1 - Antes de Começar... 01 2 - Características Gerais... 02 3 -

Leia mais

Manual de Instalação... 2 RECURSOS DESTE RELÓGIO... 3 1 - REGISTRANDO O ACESSO... 4 1.1 Acesso através de cartão de código de barras:...

Manual de Instalação... 2 RECURSOS DESTE RELÓGIO... 3 1 - REGISTRANDO O ACESSO... 4 1.1 Acesso através de cartão de código de barras:... 0 Conteúdo Manual de Instalação... 2 RECURSOS DESTE RELÓGIO... 3 1 - REGISTRANDO O ACESSO... 4 1.1 Acesso através de cartão de código de barras:... 4 1.2 Acesso através do teclado (digitando a matrícula):...

Leia mais

Apresentação...3. Vantagens...3. Instalação...4. Informações Técnicas...5. Especificações Técnicas...8

Apresentação...3. Vantagens...3. Instalação...4. Informações Técnicas...5. Especificações Técnicas...8 1 ÍNDICE Apresentação...3 Vantagens...3 Instalação...4 Informações Técnicas...5 Especificações Técnicas......8 2 APRESENTAÇÃO: O SS100 é um rastreador desenvolvido com os mais rígidos padrões de qualidade

Leia mais

manual de instalação VTR300 rev02

manual de instalação VTR300 rev02 manual de instalação VTR300 rev02 Vermelho - 12/24 volts Preto - negativo (-) Verde - saída negativa para rele de bloqueio. ( fig 1) Azul - saída positiva para acionamento de sirene até 0,5A ( fig 2) Branco

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO TETROS MOTO V2. N de Homologação: 1702-09-2791. Versão 1.00

MANUAL DE INSTALAÇÃO TETROS MOTO V2. N de Homologação: 1702-09-2791. Versão 1.00 MANUAL DE INSTALAÇÃO TETROS MOTO V2 N de Homologação: 1702-09-2791 Versão 1.00 Manual de Instalação TETROS MOTO V2 2 Índice 1. Introdução... 3 2. Especificações técnicas... 3 3. Conhecendo o equipamento...

Leia mais

1.1. Usuários com e sem vínculos de representação. 1.3. Como consultar os dados do gestor de segurança e saber quem ele é

1.1. Usuários com e sem vínculos de representação. 1.3. Como consultar os dados do gestor de segurança e saber quem ele é Atualizado: 22 / 04 / 2013 - FAQ - AI 1. Gestor de segurança da empresa 1.1. Usuários com e sem vínculos de representação 1.2. O que significa ser gestor de segurança 1.3. Como consultar os dados do gestor

Leia mais

Placa Acessório Modem Impacta

Placa Acessório Modem Impacta manual do usuário Placa Acessório Modem Impacta Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras. A Placa Modem é um acessório que poderá ser utilizado em todas as centrais

Leia mais

CARACTERÍSTICAS E MODOS DE FUNCIONAMENTO MODOS DE OPERAÇÃO DOS BOTÕES PROTEÇÃO ANTIESMAGAMENTO ALÍVIO DE PRESSÃO INTERNA

CARACTERÍSTICAS E MODOS DE FUNCIONAMENTO MODOS DE OPERAÇÃO DOS BOTÕES PROTEÇÃO ANTIESMAGAMENTO ALÍVIO DE PRESSÃO INTERNA CARACTERÍSTICAS E MODOS DE FUNCIONAMENTO Os módulos da linha TOTALSAFE PRO foram desenvolvidos para agregar além de conforto, segurança total na automação dos vidros elétricos. Essa linha de produtos oferece

Leia mais

Centrais de Alarme DSC MANUAL DE CENTRAL DE ALARME. Disponibilizado por www. alarmsystems. com.

Centrais de Alarme DSC MANUAL DE CENTRAL DE ALARME. Disponibilizado por www. alarmsystems. com. MANUAL DE CENTRAL DE ALARME Sumário 1. Excluir setores do alarme. 2. Trocar, apagar ou inserir senhas. 3. Acerto de relógio. 4. Auto arme do sistema. 5. Beep de teclado. 6. Luz de problema acesa. 7. Leds

Leia mais

Hera Indústria de Equipamentos Eletrônicos LTDA. Manual de Instalação e Operação. Discadora por Celular HERA HR2048.

Hera Indústria de Equipamentos Eletrônicos LTDA. Manual de Instalação e Operação. Discadora por Celular HERA HR2048. Discadora por Celular HERA HR2048 Manual do Usuário Índice: Paginas: 1. Introdução 03 1.1 Visão Geral 03 2. Características 04 3. Funcionamento 04, 05 e 06 3.1 Mensagens 06 e 07 4. Instalação da Discadora

Leia mais

Astra. Introdução e conceitos básicos do sistema

Astra. Introdução e conceitos básicos do sistema 2011 www.astralab.com.br Astra Introdução e conceitos básicos do sistema Este documento permite entender melhor como funciona o sistema Astra e algumas funções básicas de seus softwares. Equipe de Documentação

Leia mais

INFORMATIVO DE PRODUTO

INFORMATIVO DE PRODUTO Temporizador Automático / Relógio Programador de Horário Para Acionamento Automático de Sirenes e Outros Equipamentos Código: AFKITPROG 2 O REGISTRADOR ELETRÔNICO DE PONTO REP O Relógio Acionador Automático

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES RELÓGIO ESPIÃO

MANUAL DE INSTRUÇÕES RELÓGIO ESPIÃO MANUAL DE INSTRUÇÕES RELÓGIO ESPIÃO Antes de manusear leia atentamente todas as instruções deste manual: Este aparelho é constituído de mecanismos internos muito sensíveis e delicados, sendo que os mesmos

Leia mais

Procedimentos para Utilização do SAVI

Procedimentos para Utilização do SAVI Procedimentos para Utilização do SAVI 1. Acessando o sistema Para acessar o sistema é necessário ter instalado em seu sistema o navegador Firefox. Uma vez que ele esteja disponível acesse o link: HTTP://

Leia mais

CARACTERÍSTICAS E MODOS DE FUNCIONAMENTO MODOS DE OPERAÇÃO DOS BOTÕES PROTEÇÃO ANTIESMAGAMENTO MODO FAIL

CARACTERÍSTICAS E MODOS DE FUNCIONAMENTO MODOS DE OPERAÇÃO DOS BOTÕES PROTEÇÃO ANTIESMAGAMENTO MODO FAIL CARACTERÍSTICAS E MODOS DE FUNCIONAMENTO Os módulos da linha TOTALSAFE PRO foram desenvolvidos para agregar além de conforto, segurança total na automação dos vidros elétricos. Essa linha de produtos oferece

Leia mais

Sistema de Autorização Unimed

Sistema de Autorização Unimed Diretoria de Gestão Estratégica Departamento de Tecnologia da Informação Divisão de Serviços em TI Sistema de Autorização Unimed MANUAL DO USUÁRIO DIVISÃO DE SERVIÇOS EM TI A Divisão de Serviços em TI

Leia mais

P á g i n a 2. Avisos Importantes

P á g i n a 2. Avisos Importantes P á g i n a 1 P á g i n a 2 Avisos Importantes Todas as instruções contidas neste manual devem ser seguidas, caso contrário o produto perderá a garantia. Faça primeiro as conexões dos cabos de alimentação

Leia mais

Central de alarme Ventura GSM

Central de alarme Ventura GSM Central de alarme Ventura GSM Manual do Usuário 1 Índice: 1 Aplicação:... 3 2 Características:... 3 3 Características de funcionamento... 3 4- Apresentação da Central... 4 4.1 Parte externa... 4 4.2 Parte

Leia mais

Ajuda On-line - Sistema de Portaria. Versão 4.8.J

Ajuda On-line - Sistema de Portaria. Versão 4.8.J Versão 4.8.J Sumário PORT - Módulo de Apoio Portaria 3 1 Manual... de Processos - Portaria 4 Fluxo - Portaria... 5 2 Configurações... 6 Unidades... de Internação 6 Setores Administrativos... 9 Configuração...

Leia mais

CARACTERÍSTICAS E MODOS DE FUNCIONAMENTO MODOS DE OPERAÇÃO DOS BOTÕES PROTEÇÃO ANTIESMAGAMENTO ALÍVIO DE PRESSÃO INTERNA

CARACTERÍSTICAS E MODOS DE FUNCIONAMENTO MODOS DE OPERAÇÃO DOS BOTÕES PROTEÇÃO ANTIESMAGAMENTO ALÍVIO DE PRESSÃO INTERNA CARACTERÍSTICAS E MODOS DE FUNCIONAMENTO Os módulos da linha TOTALSAFE PRO foram desenvolvidos para agregar além de conforto, segurança total na automação dos vidros elétricos. Essa linha de produtos oferece

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES USUÁRIO

MANUAL DE INSTRUÇÕES USUÁRIO MANUAL DE INSTRUÇÕES USUÁRIO SISTEMA DE SEGURANÇA TERMINAL DSC INSTRUÇÕES DE USO: PARA INIBIR ZONAS (#), (*), (1), (Senha de acesso), (nº da zona: 01 a 16), a zona selecionada acende no teclado. (#) para

Leia mais

Hera Indústria de Equipamentos Eletrônicos LTDA Manual de Instalação e Operação DISCADORA VIA CELULAR. HERA HR 2050. Cel.

Hera Indústria de Equipamentos Eletrônicos LTDA Manual de Instalação e Operação DISCADORA VIA CELULAR. HERA HR 2050. Cel. DISCADORA VIA CELULAR HERA HR 2050. Cel Manual do Usuário ÍNDICE 1 Introdução 03 1.1 Visão Geral 03 1.2 Descrição 03 1.3 Funcionamento 04 1.4 Instalação do Receptor Acionador via cel. 05, 06 e 07 1.5 Configurando

Leia mais

Guia Site Empresarial

Guia Site Empresarial Guia Site Empresarial Índice 1 - Fazer Fatura... 2 1.1 - Fazer uma nova fatura por valores de crédito... 2 1.2 - Fazer fatura alterando limites dos cartões... 6 1.3 - Fazer fatura repetindo última solicitação

Leia mais

BR DOT COM SISPON: MANUAL DO USUÁRIO

BR DOT COM SISPON: MANUAL DO USUÁRIO BR DOT COM SISPON: MANUAL DO USUÁRIO BAURU 2015 2 BR DOT COM SISPON: MANUAL DO USUÁRIO Manual do usuário apresentado para auxiliar no uso do sistema SisPon. BAURU 2015 3 SUMÁRIO 1 Instalação... 5 1.1 Sispon...

Leia mais

Fone: 0800 707 5700. Manual de Instruções. Bloco Digestor DQO Microprocessado Mod.: 25439

Fone: 0800 707 5700. Manual de Instruções. Bloco Digestor DQO Microprocessado Mod.: 25439 Fone: 0800 707 700 Manual de Instruções Bloco Digestor DQO Microprocessado Mod.: 9 Fone: 0800 707 700 ÍNDICE. INTRODUÇÃO. ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS. FUNCIONAMENTO. Instalação. Programando o timer (tempo).

Leia mais

Manual do instalador Box Input Rev. 0.01.000. Figura 01 Apresentação do Box Input.

Manual do instalador Box Input Rev. 0.01.000. Figura 01 Apresentação do Box Input. Pág. 1/10 Apresentação Equipamento para detecção de acionamentos e monitoração de sensores. Comunicação com outros dispositivos por rede CAN. Possui seis entradas digitais optoacopladas com indicação de

Leia mais

Manual do Usuário CFCWeb BA

Manual do Usuário CFCWeb BA ÍNDICE Acesso ao sistema... 2 Tela Principal... 3 Cadastro de Candidatos... 5 Agenda Teórico... 6 Agenda Prático... 7 Consulta Agendamentos do Candidato por Serviço... 9 Cadastro de Grade Horária... 10

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES ABRIDOR DE VINHOS ELÉTRICO SEM FIO BIVOLT

MANUAL DE INSTRUÇÕES ABRIDOR DE VINHOS ELÉTRICO SEM FIO BIVOLT MANUAL DE INSTRUÇÕES ABRIDOR DE VINHOS ELÉTRICO SEM FIO BIVOLT WO-50DBR INFORMAÇÕES IMPORTANTES Ao usar aparelhos elétricos, seguir sempre precauções básicas de segurança, incluindo o seguinte: AVISO 1.

Leia mais

07/07 276-05/00 072446 REV.2. www.britania.com.br sac@britania.com.br ATENDIMENTO AO CONSUMIDOR MANUAL DE INSTRUÇÕES

07/07 276-05/00 072446 REV.2. www.britania.com.br sac@britania.com.br ATENDIMENTO AO CONSUMIDOR MANUAL DE INSTRUÇÕES 07/07 276-05/00 072446 REV.2 www.britania.com.br sac@britania.com.br ATENDIMENTO AO CONSUMIDOR MANUAL DE INSTRUÇÕES SOLUÇÃO DE PROBLEMAS Problema Luz que indica o funcionamento está apagada Odores estranhos

Leia mais

T O M e P U L S O. Disca em linhas ECONÔMICAS. Discadora Telefônica

T O M e P U L S O. Disca em linhas ECONÔMICAS. Discadora Telefônica Discadora Telefônica T O M e P U L S O Disca em linhas ECONÔMICAS Disca em modo TOM e PULSO Disca para até 5 números Não perde memória em caso de falta de energia elétrica www.genno.com.br MAGADTDPTF05V1

Leia mais

Obs.: O processo irá se repetir enquanto durar o disparo do alarme.

Obs.: O processo irá se repetir enquanto durar o disparo do alarme. pág. 9 DISCADOR T-430 Aplicação: Equipamento desenvolvido a fim de realizar automaticamente discagens telefônicas para aviso de alarme. Podendo ser implementado praticamente à todos os sistema de alarme.

Leia mais

U3 Sistemas Análise e Desenvolvimento de Softwares ===== Manual de Rede Interna ===== Manual. Rede Interna

U3 Sistemas Análise e Desenvolvimento de Softwares ===== Manual de Rede Interna ===== Manual. Rede Interna 1 Manual Rede Interna 01 COLOCANDO O COMPUTADOR EM REDE 2 01.01 Entenda como funciona o processo de conexão em rede do sistema U3: a) SERVIDOR DE DADOS é o computador da sua rede interna que será designado

Leia mais

Tecnologia e Segurança na Ponta dos Dedos. Manual. Autorizador

Tecnologia e Segurança na Ponta dos Dedos. Manual. Autorizador Tecnologia e Segurança na Ponta dos Dedos Manual UP Autorizador UP Índice Divulgação do sistema Autorizador para os beneficiários... 3 Cadastro da digital do beneficiário... Justificativa de falha na autenticação

Leia mais

Manual do Painel Aceno Digital A3000/A6000. www.acenodigital.com.br. Rua Porto Alegre, 212 Jd. Agari 43 3027-2255 Cep: 86.

Manual do Painel Aceno Digital A3000/A6000. www.acenodigital.com.br. Rua Porto Alegre, 212 Jd. Agari 43 3027-2255 Cep: 86. Manual do Painel Aceno Digital A3000/A6000 Manual do Painel Aceno Digital A3000/A6000 Este manual apresenta o funcionamento e os procedimentos de configuração e instalação dos painéis Aceno Digital, modelos

Leia mais

SuperStore Sistema para Automação de Óticas

SuperStore Sistema para Automação de Óticas SuperStore Sistema para Automação de Óticas MANUAL DO USUÁRIO (Administrador) Contato: (34) 9974-7848 http://www.superstoreudi.com.br superstoreudi@superstoreudi.com.br SUMÁRIO 1 ACESSANDO O SISTEMA PELA

Leia mais

Manual do instalador Box Output AC Rev. 0.01.000. Figura 01 Apresentação do Box Output AC.

Manual do instalador Box Output AC Rev. 0.01.000. Figura 01 Apresentação do Box Output AC. Pág. 1/10 Apresentação Equipamento para acionamento de cargas em corrente alternada 110/220V. Comunicação com outros dispositivos por rede CAN. 6 entradas digitais para acionamento local ou remoto. 6 entradas/saídas

Leia mais

Comm5 Tecnologia Manual de utilização da família MI. Manual de Utilização. Família MI

Comm5 Tecnologia Manual de utilização da família MI. Manual de Utilização. Família MI Manual de Utilização Família MI ÍNDICE 1.0 COMO LIGAR O MÓDULO... pág 03 e 04 2.0 OBJETIVO... pág 05 3.0 COMO CONFIGURAR O MÓDULO MI... pág 06, 07, 08 e 09 4.0 COMO TESTAR A REDE... pág 10 5.0 COMO CONFIGURAR

Leia mais

MANUAL DE OPERAÇÃO. v.2.1

MANUAL DE OPERAÇÃO. v.2.1 MANUAL DE OPERAÇÃO v.2.1 1 FUNCIONAMENTO DO TRX CONTROL A função básica do TRX CONTROL é comutar seu relê interno com saídas NA e NF quando for realizada uma ligação para o número do chip do aparelho.

Leia mais

Mensagens De Erro. Versão: 1.0

Mensagens De Erro. Versão: 1.0 Mensagens De Erro Versão: 1.0 Tabela de Mensagens - EAGarçom MENSAGENS Possíveis Causas Possíveis Soluções Não foi possível atualizar. Dispositivo não conectado." - Erro no banco de dados do servidor;

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO Aplicativo Controle de Estoque Desktop

MANUAL DE UTILIZAÇÃO Aplicativo Controle de Estoque Desktop MANUAL DE UTILIZAÇÃO Aplicativo Controle de Estoque Desktop 1 1 INICIANDO O APLICATIVO PELA PRIMEIRA VEZ... 3 2 PÁGINA PRINCIPAL DO APLICATIVO... 4 2.1 INTERFACE INICIAL... 4 3 INICIANDO PROCESSO DE LEITURA...

Leia mais

T-530. Características. Características técnicas TELE ALARME MICROPROCESSADO. Aplicação

T-530. Características. Características técnicas TELE ALARME MICROPROCESSADO. Aplicação 12 T-530 TELE ALARME MICROPROCESSADO Aplicação Equipamento desenvolvido a fim de realizar automaticamente discagens telefônicas para aviso de alarme. Podendo ser implementado praticamente à todos os sistema

Leia mais

GUIA RÁPIDO SISTEMA ANTIFURTO THEFT DETERRENT

GUIA RÁPIDO SISTEMA ANTIFURTO THEFT DETERRENT GUIA RÁPIDO SISTEMA ANTIFURTO THEFT DETERRENT SUMÁRIO Prefácio... 1 A quem se destina... 1 Nomenclatura utilizada neste documento... 1 Tela de login... 2 Tela Inicial... 4 Gestão de Dispositivo Acompanhar

Leia mais

Manual Operacional SIGA

Manual Operacional SIGA SMS - ATTI Julho -2012 Conteúdo Sumário... 2... 3 Consultar Registros... 4 Realizar Atendimento... 9 Adicionar Procedimento... 11 Não Atendimento... 15 Novo Atendimento... 16 Relatórios Dados Estatísticos...

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES

MANUAL DE INSTRUÇÕES MANUAL DE INSTRUÇÕES ASPIRADOR DE PÓ 800 W COM CABO TELESCÓPICO Equipamento somente para uso doméstico. Obrigado por escolher um produto com a marca Tramontina. Por favor, leia o Manual de Instruções por

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO. Condicionadores de Ar Série MSE

MANUAL DO USUÁRIO. Condicionadores de Ar Série MSE MANUAL DO USUÁRIO Condicionadores de Ar Série MSE Midea Midea SAC: 0800 6001005. Midea Midea; Midea Midea Midea técnica credenciada Midea. O não cumprimento deste aviso pode vir a resultar na perda da

Leia mais

MÓDULO MD-50 DESCRIÇÃO DO PRODUTO CARACTERÍSTICAS GERAIS CONECTOR DE ENTRADA SENHA DO USUÁRIO

MÓDULO MD-50 DESCRIÇÃO DO PRODUTO CARACTERÍSTICAS GERAIS CONECTOR DE ENTRADA SENHA DO USUÁRIO MÓDULO MD-50 DESCRIÇÃO DO PRODUTO Com esse equipamento você pode monitorar qualquer central de alarme convencional ou eletrificador. Ele possui 5 entradas e uma saída PGM que pode ser acionada por telefone

Leia mais

GT BLOCK LBS RASTREAMENTO VIA CÉLULA COM BLOQUEADOR

GT BLOCK LBS RASTREAMENTO VIA CÉLULA COM BLOQUEADOR GT BLOCK LBS RASTREAMENTO VIA CÉLULA COM BLOQUEADOR Esta tecnologia torna possível o sistema de anti sequestro, rastreamento, escuta e bloqueio de veículos conforme a área de cobertura, que ao ser acionado,

Leia mais

Henry Equipamentos Eletrônicos e Sistemas Ltda.

Henry Equipamentos Eletrônicos e Sistemas Ltda. Manual do equipamento Henry Equipamentos Eletrônicos e Sistemas Ltda. +55 41 3661-0100 Rua Rio Piquiri, 400 - Jardim Weissópolis - Pinhais/PR - Brasil CEP: 83322-010 CNPJ: 01.245.055/0001-24 Inscrição

Leia mais

F-L2000 SÉRIE DE AÇO INOXIDÁVEL SISTEMA DE CONTROLE DE ACESSO POR PROXIMIDADE MANUAL DE INSTALAÇÃO

F-L2000 SÉRIE DE AÇO INOXIDÁVEL SISTEMA DE CONTROLE DE ACESSO POR PROXIMIDADE MANUAL DE INSTALAÇÃO F-L2000 SÉRIE DE AÇO INOXIDÁVEL SISTEMA DE CONTROLE DE ACESSO POR PROXIMIDADE MANUAL DE INSTALAÇÃO CONTEÚDO Característica Especiais...1 Painel Frontal e Tipos de Cartão...2 Procedimentos de Instalação...3

Leia mais

GARANTIA 01 ANO. www.defendertech.com.br

GARANTIA 01 ANO. www.defendertech.com.br GARANTIA 01 ANO www.defendertech.com.br Número de vezes que o botão é pressionado 1 Uso dos botões ABRIR DESARME Alarme é desligado, 2 toques de sirene, destravamento das portas e pisca conforme configuração

Leia mais

CONTROLE DE ACESSO Modelo PP-360/N

CONTROLE DE ACESSO Modelo PP-360/N CONTROLE DE ACESSO Modelo PP-360/N Imagem Ilustrativa Características: 1. Leitura de 125 khz do cartão de proximidade com o EM chip acoplado internamente para o modelo padrão. 2. Os parâmetros do sistema

Leia mais

Henry Equipamentos Eletrônicos e Sistemas Ltda.

Henry Equipamentos Eletrônicos e Sistemas Ltda. Henry Equipamentos Eletrônicos e Sistemas Ltda. +55 41 3661-0100 Rua Rio Piquiri, 400 - Jardim Weissópolis - Pinhais/PR - Brasil CEP: 83322-010 CNPJ: 01.245.055/0001-24 Inscrição Estadual: 90.111.008-53

Leia mais

SISTEMA INFORMATIZADO DE REGULAÇÃO E CONTROLE DO ICS

SISTEMA INFORMATIZADO DE REGULAÇÃO E CONTROLE DO ICS SISTEMA INFORMATIZADO DE REGULAÇÃO E CONTROLE DO ICS MANUAL DO PRESTADOR DE SERVIÇOS DE SADT ELETIVO (FASCÍCULO DO SADT ELETIVO) VERSÃO I - 2013 Instituto Curitiba de Saúde ICS - Plano Padrão ÍNDICE APRESENTAÇÃO

Leia mais

Dicas Satux. Adicionando uma Impressora. Configurando o Primeiro acesso. Adicionar/Remover Programas. Como fazer gravações de CD/DVD

Dicas Satux. Adicionando uma Impressora. Configurando o Primeiro acesso. Adicionar/Remover Programas. Como fazer gravações de CD/DVD Dicas Satux Configurando o Primeiro acesso Adicionando uma Impressora Adicionar/Remover Programas Criando atalhos na área de trabalho Como fazer gravações de CD/DVD Como configurar minha Rede Local Como

Leia mais

DÚVIDAS E PERGUNTAS FREQUENTES - RASTREADOR

DÚVIDAS E PERGUNTAS FREQUENTES - RASTREADOR DÚVIDAS E PERGUNTAS FREQUENTES - RASTREADOR 1. COMO É FEITA A COMUNICAÇÃO COM O VEÍCULO QUE FOI INSTALADO O RASTREADOR? Resposta: Através de mensagens SMS (torpedos), estas mensagens são formadas por *

Leia mais

Sumário INSTALAÇÃO DO SIATRON CONDOMÍNIO ATIVAÇÃO DA LICENÇA PRESTADORES DE SERVIÇOS PARÂMETROS DO SISTEMA

Sumário INSTALAÇÃO DO SIATRON CONDOMÍNIO ATIVAÇÃO DA LICENÇA PRESTADORES DE SERVIÇOS PARÂMETROS DO SISTEMA Sumário INSTALAÇÃO DO SIATRON CONDOMÍNIO ATIVAÇÃO DA LICENÇA SIATRON SÍNDICO LOGIN NO SISTEMA FAMÍLIA MORADORES VEÍCULOS FUNÇÃO PÂNICO PRESTADORES DE SERVIÇOS PARÂMETROS DO SISTEMA CONFIGURAÇÕES ACORDA

Leia mais

DL-2000. Manual de Operação. www.dlock.com.br

DL-2000. Manual de Operação. www.dlock.com.br DL-2000 Manual de Operação Agradecemos por ter adquirido este produto Leia o manual por completo antes de utilizar o produto Guarde este manual para futuras referências www.dlock.com.br Nota: 1. Mantenha

Leia mais

Despachante Express - Software para o despachante documentalista veicular DESPACHANTE EXPRESS MANUAL DO USUÁRIO VERSÃO 1.1

Despachante Express - Software para o despachante documentalista veicular DESPACHANTE EXPRESS MANUAL DO USUÁRIO VERSÃO 1.1 DESPACHANTE EXPRESS MANUAL DO USUÁRIO VERSÃO 1.1 1 Sumário 1 - Instalação Normal do Despachante Express... 3 2 - Instalação do Despachante Express em Rede... 5 3 - Registrando o Despachante Express...

Leia mais

1223o TUTORIAL PEDIDO DE VENDA. Realização: DEPARTAMENTO DE IMPLANTAÇÃO EQUIPE DE DOCUMENTAÇÃO

1223o TUTORIAL PEDIDO DE VENDA. Realização: DEPARTAMENTO DE IMPLANTAÇÃO EQUIPE DE DOCUMENTAÇÃO 1223o TUTORIAL PEDIDO DE VENDA Realização: DEPARTAMENTO DE IMPLANTAÇÃO EQUIPE DE DOCUMENTAÇÃO TUTORIAL PEDIDO DE VENDA Casa Magalhães Comércio e Representações Ltda O objetivo deste tutorial é apresentar

Leia mais

MANUAL EXPORTAÇÃO IMPORTAÇÃO

MANUAL EXPORTAÇÃO IMPORTAÇÃO MANUAL EXPORTAÇÃO IMPORTAÇÃO Diretoria de Vigilância Epidemiológica/SES/SC 2006 1 Módulo 04 - Exportação e Importação de Dados Manual do SINASC Módulo Exportador Importador Introdução O Sistema SINASC

Leia mais

Manual do usuário. Softcall Java. versão 1.0.5

Manual do usuário. Softcall Java. versão 1.0.5 Manual do usuário Softcall Java versão 1.0.5 Sumário Iniciando SoftCall...3 Tela Principal...3 Configurando o SoftCall...4 Agenda...5 Incluindo um contato...5 Procurando um contato...6 Apagando um contato...6

Leia mais

Guia Rápido. Copyright 2011 - Todos os direitos reservados.

Guia Rápido. Copyright 2011 - Todos os direitos reservados. Guia Rápido Copyright 2011 - Todos os direitos reservados. SUMÁRIO 1. Informações Gerais...5 1.1 EasyPass... 5 1.2 Vantagens do uso... 6 1.3 Necessidade do re-cadastro... 6 2. Conceitos Básicos...7 2.1

Leia mais

SISTEMA INFORMATIZADO DE REGULAÇÃO E CONTROLE DO ICS

SISTEMA INFORMATIZADO DE REGULAÇÃO E CONTROLE DO ICS SISTEMA INFORMATIZADO DE REGULAÇÃO E CONTROLE DO ICS MANUAL DO PRESTADOR DE SERVIÇOS CONSULTÓRIOS/CLÍNICAS CREDENCIADAS PARA ATENDIMENTO ELETIVO (FASCÍCULO DO ATENDIMENTO ELETIVO) VERSÃO I - 2013 Instituto

Leia mais

Guia de utilização do software. universal GPRS M-300.

Guia de utilização do software. universal GPRS M-300. Guia de utilização do software Programador do módulo universal GPRS M-300. JFL Equipamentos Eletrônicos Ind. e Com. Ltda. Rua: João Mota, 471 - Bairro: Jardim das Palmeiras Santa Rita do Sapucaí - MG CEP:

Leia mais

CERTIFICADO DIGITAL ARMAZENADO NO COMPUTADOR (A1) Manual do Usuário

CERTIFICADO DIGITAL ARMAZENADO NO COMPUTADOR (A1) Manual do Usuário Certificação Digital CERTIFICADO DIGITAL ARMAZENADO NO COMPUTADOR (A1) Manual do Usuário Guia CD-17 Público Índice 1. Pré-requisitos para a geração do certificado digital A1... 3 2. Glossário... 4 3. Configurando

Leia mais

Todos os Registros no site referem-se aos momentos em que o equipamento estava conectado (decorrente dos dois eventos acima descritos).

Todos os Registros no site referem-se aos momentos em que o equipamento estava conectado (decorrente dos dois eventos acima descritos). 1. Como funcionado Equipamento? O Rastreador instalado é um equipamento Hibrido que utiliza tecnologia de transmissão de dados por Satélite e via Operadora de Telefone. O Satélite informa ao equipamento

Leia mais

Modelo R02 - Volume 2 - Operacional

Modelo R02 - Volume 2 - Operacional Modelo R02 - Volume 2 - Operacional INTRODUÇÃO Este manual foi elaborado com a finalidade de exemplificar todas as operações possíveis de serem executadas no equipamento. O equipamento Prisma Super Fácil

Leia mais

MANUAL PABX 162 BATIK

MANUAL PABX 162 BATIK 1 O QUE É UM PABX? MANUAL PABX 162 BATIK CONHECENDO O PABX 162 BATIK É um aparelho eletrônico que facilita as comunicações telefônicas. O seu PABX 162 Batik funciona ligado até seis ramais, com um tronco

Leia mais

Manual de Utilização Autorizador

Manual de Utilização Autorizador 1) Acessando: 1-1) Antes de iniciar a Implantação do GSS, lembre-se de verificar os componentes de software instalados no computador do prestador de serviço: a) Sistema Operacional: nosso treinamento está

Leia mais