Linha de pesquisa: Direitos Humanos na América Latina Contemporânea

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Linha de pesquisa: Direitos Humanos na América Latina Contemporânea"

Transcrição

1 Linha de pesquisa: Direitos Humanos na América Latina Contemporânea Eixo temático: A Questão da Violência no Universo Infanto-juvenil na América Latina Orientadora: Profa. Dra. Silene de Moraes Freire Equipe: Fernanda Aguiar de Melo e Mariana Fernandes Tabaza Rodrigues Apoio Técnico: Talita Freire Moreira Fontes: Data: 25/08/2008 Título: Romaria de políticos na favela continua Primeiro Caderno, Editoria Rio /série de reportagens A guerra do Rio (pp.31). Fonte: Agência Senado - Brasil Contra a Pedofilia Resumo: Projeto que torna crime a indução de menor à prostituição aguarda inclusão na ordem do dia do Plenário O projeto de lei apresentado pela Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pedofilia que criminaliza a indução de crianças e adolescentes à prostituição aguarda inclusão na ordem do dia do Plenário do Senado. De acordo com a matéria, poderão ser presos os pais que induzirem seus filhos menores de 18 anos à prostituição e os proprietários ou gerentes de estabelecimentos comerciais onde ocorre essa prática. A proposição (PLS 275/08) estabelece ainda que as pessoas que facilitarem a exploração sexual infantil ou que dificultarem a saída de menores de situações de abuso ou prostituição poderão ser condenadas a penas que variam de cinco a 12 anos de prisão. O projeto também prevê aumento de pena quando o crime é praticado sob violência ou ameaça e quando resulta em ganho financeiro para o adulto que agencia a exploração sexual do menor. Aprovado no início de julho pela CPI da Pedofilia, o texto amplia as medidas previstas no Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei 8.069/90) para coibir a exploração sexual. Entre as novas medidas propostas está a que determina a perda de bens imóveis utilizados para a prostituição infantil. Portanto, como o estatuto já prevê que

2 estabelecimentos usados para tal fim estão sujeitos à perda do alvará de funcionamento, o projeto mantém essa medida e acrescenta como punição a perda do imóvel. Dessa forma, poderão ser confiscados hotéis e restaurantes que servem como locais para essa prática ilícita. Conforme estabelece a matéria, os imóveis utilizados com tal finalidade, inclusive residências particulares, poderão ser vendidos e os valores obtidos deverão ser destinados ao Fundo de Direitos da Criança e do Adolescente. Rigor Dois outros projetos apresentados pela CPI da Pedofilia já foram aprovados pelo Plenário do Senado: o PLS 250/08, que amplia o rigor contra o abuso sexual de crianças, e o PLS 126/08, que trata da prisão preventiva para fins de extradição. O PLS 250/08, que também propõe mudanças ao Estatuto da Criança e do Adolescente, torna crime a posse e o armazenamento de material pedófilo. A legislação atual considera crime produzir, vender ou divulgar material contendo pornografia infantil, mas é omissa quanto às pessoas que armazenam tais imagens. O novo texto busca sanar essa lacuna. Alem disso, o PLS 250/08 aumenta a punição para casos em que a exploração sexual de menores for praticada por pessoa da família ou das relações domésticas da criança. O texto determina ainda punição para aqueles que trocarem mensagens pela Internet contendo material pedófilo e para a provedora que não desabilitar o acesso ao conteúdo ilícito, após ser comunicada sobre o fato. Já o PLS 126/08 altera o Estatuto do Estrangeiro (Lei 6.815/80) para permitir a prisão preventiva de pessoa que esteja respondendo a processo de extradição, mediante autorização judicial. Para tanto, o texto estabelece que o pedido de prisão preventiva deve ser feito por agente diplomático ou consular do Estado que requereu a prisão, podendo também ser apresentado pelo Ministério Público da União ou pela Polícia Federal. Para instruir seu pedido, a autoridade brasileira poderá recorrer a informações disponibilizadas pela chamada Difusão Vermelha - conjunto de dados sobre criminosos procurados pela Organização Internacional de Polícia Criminal (Interpol). As duas proposições acolhidas pelos senadores seguiram para o exame pela Câmara dos Deputados. Data: 3/09/2008 as 15h Jornal da Globo Resumo: CPI prende dois suspeitos de abusar de crianças Polícia descobre pedófilos em salas de bate-papo da internet. Escuta telefônica flagra pai-de-santo

3 oferecendo menino de 8 anos. Por uma sala de bate-papo de um provedor de internet, a polícia descobriu e prendeu durante sessão da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), duas pessoas suspeitas de integrar quadrilha de pedófilos que agia em São Paulo. Entre os depoimentos, o pai de um menino de 8 anos, reconheceu o filho em vídeos e fotos sendo abusado. A CPI da pedofilia mandou prender os dois homens durante interrogatório, nesta quinta-feira (12), em São Paulo. Eles são suspeitos de formar pela internet uma quadrilha que explorava adolescentes. Crime hediondo Diante da monstruosidade dos crimes, os integrantes da CPI querem transformar pedofilia em crime hediondo. O diretor de um dos maiores provedores de internet do país explicou aos senadores as medidas de prevenção da empresa contra crimes cometidos na rede mundial de computadores. Foi por uma sala de bate-papo desse mesmo provedor que a polícia descobriu a ação de uma quadrilha de pedófilos em São Paulo. Preso sob a acusação de arrumar encontros de pedófilos com crianças, o operador de telemarketing Márcio Toledo foi interrogado sobre fotos e vídeos dele e de outros adultos com menores. Ele, que também é pai-de-santo num terreiro de candomblé, identificou alguns suspeitos. Porém, só soube dizer o primeiro nome dos suspeitos. Prisões Outro suspeito ouvido foi David Mellero Junior, que conheceu Márcio pela internet. Uma escuta telefônica - feita com autorização judicial - flagrou o pai-de-santo oferecendo um menino de 8 anos para David. À CPI, ele confirmou ter recebido a oferta, mas negou ter abusado do menino. Mesmo assim, recebeu voz de prisão no fim do interrogatório. O chefe do terreiro onde Márcio Toledo morou durante quatro anos também foi ouvido. Walter José Ferreira reconheceu imagens do quarto de Márcio, mas disse que nunca soube de encontros com meninos. Também acabou preso. O depoimento mais forte foi o do pai do garoto de 8 anos que aparece em vídeos e fotos sendo abusado. Com um capuz para preservar a identidade, ele reconheceu o filho na tela do computador. Nessa sexta-feira, a CPI vai ouvir também em São Paulo o médico Eugênio Chipkevitch, preso por abuso sexual contra crianças. Também serão ouvidos o promotor que cuidou desse caso e os pais de outra criança vítima de pedofilia. Data: 06/09/08-13h47 - Atualizado em 06/09/08-14h 21min. Acessado no dia 07/09/2008, ás 00:30

4 Título: Ex-namorada de suspeito de pedofilia é chamada para depor G1, com informações do Jornal Hoje, Resumo: Segundo as investigações, as vítimas eram conhecidas do preso. Atual namorada reconheceu o homem nas gravações obtidas pela polícia. Uma ex-namorada do engenheiro preso nesta sexta-feira (5) sob suspeita de pedofilia foi convocada pela polícia de São Paulo para depor. Segundo as investigações, as vítimas eram conhecidas do suspeito. Por isso, todo o círculo de amizades dele está sendo investigado. Segundo a polícia, a sócia e a namorada assistiram a algumas cenas e fizeram o reconhecimento tanto do acusado quanto do quarto do apartamento dele onde foram gravadas. O depoimento da ex-namorada está marcado para a próxima semana. O engenheiro passou a noite no 77º Distrito Policial, em Santa Cecília, na região central de São Paulo. O suspeito foi detido em seu apartamento, na Mooca, Zona Leste, após ter a prisão temporária de 30 dias decretada. Na casa dele, foram apreendidos brinquedos e balas. A investigação durou cerca de uma semana e começou depois que uma testemunha entregou uma fita à polícia, com imagens fortes. Nenhum policial terminou de assistir a fita, nenhum quis assistir até o final, disse o delegado Carlos Eduardo Carvalho, titular de Delegacia de Repressão a Fraudes. Denúncias Apenas no primeiro semestre de 2008 foram feitas quase 28 mil denúncias sobre pedofilia ou pornografia infantil. O fato do suspeito deste caso ter curso superior e uma rotina aparentemente normal com filhos, amigos e namorada, chama a atenção. Data: 22/10/2008 as 15:00h Título: Homem de 60 anos é preso por suspeita de pedofilia em SC G1, com informações do Jornal Hoje Fonte: HOMEM+DE+ANOS+E+PRESO+POR+SUSPEITA+DE+PEDOFILIA+EM+SC.html Resumo: Ele foi filmado por conselheiros tutelares pagando R$ 78 para três meninas. Investigação durou dois anos e há indícios de conivência dos pais. Um homem de 60 anos foi preso por suspeita de envolvimento em pedofilia em Balneário Camboriú (SC) e Camboriú (SC), neste domingo (19). Conselheiros tutelares das duas cidades fizeram imagens, que mostram três meninas, de 10, 11 e 12 anos, saindo de um estabelecimento, onde permaneceram por 13 horas. Em uma das cenas registradas pelos conselheiros, o homem de 60 anos é flagrado pagando as menores. Com elas foram encontrados R$ 78. No local, onde funcionava uma

5 banca de revista e de jogo do bicho, foram apreendidos chocolates, roupas de crianças, revistas de mulheres nuas e material de sex shop. As investigações, que começaram há cerca de dois anos, vão esclarecer se há outras pessoas envolvidas e se as famílias das meninas sabiam do fato. Em pelo menos um dos casos há indícios de conivência dos pais. As menores prestaram depoimento e estão num abrigo à disposição do Ministério Público. O suspeito vai responder por crime de pedofilia e exploração sexual. Ele foi levado para o presídio de Balneário Camboriú. Data: 18/11/2008 as 17:30h Título: Preso no Rio Americano suspeito de pedofilia G1 Fonte: HOMEM+DE+ANOS+E+PRESO+POR+SUSPEITA+DE+PEDOFILIA+EM+SC.html Resumo: Ele foi detido por policiais federais quando passeava no Leblon. Ação contou também com a participação de agentes da Interpol. Policiais federais, numa ação conjunta com o Ministério Público estadual (MP) e a Interpol, prenderam, na manhã desta segunda-feira (17), o norte-americano Kenneth Andrew Craig, 40 anos, suspeito de pedofilia. Segundo a polícia, ele foi detido quando caminhava pela Avenida Ataulfo de Paiva, no Leblon, Zona Sul do Rio. De acordo com o MP, Craig responde por crime de pedofilia em vários estados americanos. Ele encontrava-se em liberdade condicional quando veio para o Brasil, em Craig dava aulas de inglês em sua residência, em Botafogo, na Zona Sul, onde foi cumprido mandado de busca e apreensão expedido pela 29ª Vara Criminal Estadual. O acusado, que estaria usando documentos falsos, foi levado para a sede da Polícia Federal, na Zona Portuária. Ele será encaminhado ao presídio Ary Franco, no bairro de Água Santa, onde permanecerá enquanto tramita o processo de sua extradição para os Estados Unidos. Data: 02/12/2008 as 17:45h Título: Dois homens de mais de 70 anos são presos em Minas por suspeita de pedofilia G1

6 Fonte: OIS+HOMENS+DE+MAIS+DE+ANOS+SAO+PRESOS+EM+MINAS+POR+SUSPEI TA+DE+PEDOFILIA.html Resumo: Um homem de 72 anos foi preso, ontem, em Contagem, acusado de pedofilia. A polícia chegou à casa dele no bairro Nova Contagem depois de uma denúncia anônima. No local estavam três adolescentes: de 12, 14 e 16 anos. Ainda de acordo com a polícia, o homem confessou ter dado dinheiro para fazer sexo com as jovens. Na casa do suspeito, foram apreendidos estimulantes sexuais, um revólver, porretes e um chicote de fabricação caseira. O suspeito foi encaminhado para a Delegacia Seccional de Contagem. E um outro homem, de 74 anos, também foi preso por pedofilia, ontem, em Belo Horizonte. A Justiça decretou a prisão temporária do aposentado depois que dez crianças e adolescentes, todos com menos de 14 anos, prestaram depoimento na delegacia de Esmeraldas, na região metropolitana, cidade onde os abusos teriam sido cometidos. O homem foi encontrado em uma clínica particular, na capital, onde está internado. Ele será denunciado por atentado violento ao pudor. Data: 02/12/2008 as 18h Título: Empresário suspeito de pedofilia é preso na Baixada Fluminense G1 Fonte: EMPRESARIO+SUSPEITO+DE+PEDOFILIA+E+PRESO+NA+BAIXADA+FLUMINE NSE.html Resumo: Com o preso, foram apreendidos vídeos e fotos de crianças. Segundo delegado, ele é dono de uma empresa privada de segurança. Um empresário suspeito de pedofilia foi preso na tarde desta quarta-feira (26) por policiais da Polinter, em Belford Roxo, na Baixada Fluminense. Segundo o delegado Marcus Neves, o preso, dono de uma empresa de segurança privada, teria abusado de 30 a 40 crianças, entre meninos e meninas. O delegado informou que o preso é morador de Santa Cruz, na Zona Oeste do Rio. Farto material fotos e vídeos de crianças foi apreendido. O preso manteria essa casa, segundo a polícia. Ele agiria com aliciadores que estamos tentado localizar, disse Marcus Neves, completando que a investigação sobre o preso começou há cerca de 30 dias.

7 Data: 03/12/2008 as 16:00 h Título: Policiais prendem militar suspeito de pedofilia G1 Fonte: POLICIAIS+PRENDEM+MILITAR+SUSPEITO+DE+PEDOFILIA.html Resumo: Homem de 49 anos é suspeito de aliciar uma menor de 12 anos. Segundo polícia, será primeiro caso da lei sancionada pelo presidente Lula. Policiais da Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática prenderam na tarde desta sexta-feira (28) um militar suspeito de pedofilia. Segundo a polícia, o terceiro sargento da Marinha, de 49 anos, será enquadrado no crime de pedofilia na internet, pois estaria aliciando uma menor de 12 anos. Segundo a polícia, este seria o primeiro caso da nova lei sancionada pelo presidente Lula, na última quarta-feira (26). A lei aumenta a punição para quem produzir e expuser (de 4 a 8 anos de prisão), distribuir (de 3 a 6 anos), armazenar (de 1 a 4 anos), fizer montagens e simulações e aliciar crianças e adolescentes ( de 1 a 3 anos) para fins de exploração sexual. Flagrante O militar foi preso em flagrante na tarde desta sexta-feira (28), num shopping em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. Ainda de acordo com os policiais, o militar se passava por mulher no computador e estaria enviando fotos pornográficas para a menor. Os policiais chegaram até o suspeito depois que os pais da menor denunciaram o caso. Com ele foram apreendidos um revólver e vasto material pornográfico. Data: 09/12/2008 as 14h Título: Ministério Público denuncia taxista acusado de pedofilia G1 Fonte: MINISTERIO+PUBLICO+DENUNCIA+TAXISTA+ACUSADO+DE+PEDOFILIA.html Resumo: Acusação é de estupro, cárcere privado e exploração sexual de menores. Ex-mulher teria escrito cartas apelando para que ele parasse. O taxista M. R. de S. M., de 58 anos, foi denunciado nesta segunda-feira (8) pela 25ª Promotoria de Investigação Penal pelos crimes de estupro, cárcere privado e exploração sexual de crianças e adolescente, todos com penas agravadas. O Ministério Público (MP) também pediu a prisão preventiva do acusado à Justiça.

8 De acordo com a denúncia, o acusado manteve quatro adolescentes encarceradas em seu apartamento por vários dias. Elas só deixavam o local para realizar programas sexuais arranjados pelo denunciado. O MP investiga ainda a suspeita de que o taxista tenha aliciado uma criança de 8 anos. No último dia 29, ele foi preso por policias da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA), na casa dele, em Copacabana, Zona Sul do Rio, por suspeita de pedofilia e aliciamento de menores. Segundo o MP, entre junho e dezembro deste ano, o taxista, por várias vezes, constrangeu e obrigou uma jovem de 12 anos a manter relações sexuais com ele. Cárcere privado A prisão de M. R. aconteceu quatro dias após o presidente Luiz Inácio Lula da Silva sancionar o projeto de lei que considera crime o armazenamento em computadores de material pornográfico em que apareçam crianças e adolescentes. Segundo o delegado responsável pela investigação, Deoclécio Assis, o acusado deixava as meninas presas no apartamento. Uma delas conseguiu escapar e o denunciou a polícia. Os policiais não encontraram menores de idade na residência, mas apreenderam três agendas que eram usadas como diários e uma lista com os nomes de pelo menos 30 supostas vítimas. A menina que fugiu estava desaparecida havia 12 dias. Começou a ligar para a mãe dizendo que queria voltar para casa, mas não podia sair de onde estava. Nós identificamos os números do telefone de onde partiam as ligações, de orelhões próximos à casa do preso, e passamos a fazer rondas na área. Ela fugiu depois de ver o taxista abusando de uma menina de 8 anos, contou o delegado. No apartamento, os policiais também apreenderam duas cartas, supostamente escritas por sua ex-mulher, lembrando que ele era um homem de 58 anos. Ela apela para que ele deixe de se envolver com adolescentes. Cartas Veja abaixo alguns trechos das cartas: Percebi sua insatisfação e seu vazio interior que te impulsionam para relacionamentos com resultados frustrantes. Fuja de relacionamentos com adolescentes. Você tem 58 anos! Procure agir de forma coerente com seu tempo e seus valores. Neste ponto você perdeu muito mesmo. Tanto pessoalmente como também profissionalmente. Considere com atenção essas orientações e conquiste o respeito e admiração dos seus filhos, o meu, e tenha otimismo e entusiasmo pela vida. Ao perceber que a separação está sendo usada para outros fins ou interesses, também, com a certeza de ter cumprido meus deveres de mãe, esposa, amiga e companheira, plenamente, vou também abdicar desse sonho e planejar meu futuro. Tenho certeza que

9 o M. que conhecemos um dia vai despertar, avaliar seus atos e reconquistar seu espaço. Data: 12/12/2008 as 16:20h Título: Informações do Brasil ajudam Austrália a prender 19 suspeitos de pedofilia G1 Fonte: INFORMACOES+DO+BRASIL+AJUDAM+AUSTRALIA+A+PRENDER+SUSPEITO S+DE+PEDOFILIA.html Informação chegou à polícia australiana por intermédio da Interpol. Rede envolve ao menos 200 pessoas em 70 países. A Polícia Federal da Austrália indiciou 19 pessoas que fariam parte de uma rede mundial de exploração da pedofilia pela internet, envolvendo 70 países, informou a polícia nesta quinta-feira (11). Segundo os australianos, a investigação foi deslanchada por informações transmitidas em 2007 pela polícia brasileira. A polícia australiana disse ter descoberto 500 mil fotos e 15 mil vídeos de abuso sexual de crianças. Em alguns deles, as crianças sofriam abusos por mais de duas horas. As vítimas mais jovens tinham apenas 12 meses, segundo Andrew Colvin, da Polícia Federal da Austrália. Ele disse que pelo menos duas vítimas foram resgatadas como resultado da investigação. A informação da polícia brasileira, segundo ele, chegou por intermédio da Interpol (rede internacional das polícias), e permitiu que fossem identificados 200 suspeitos em 70 países. A identidade das vítimas é difícil de determinar. O último preso acusado de participar do esquema era um homem de 24 anos, morador da cidade australiana de Sydney, que não pode ser identificado por razões legais. Ele foi preso na quarta e deve comparecer ao tribunal nesta quinta. Segundo a legislação australiana, a acusação de posse de pornografia infantil pode resultar em pena de dez anos de prisão. Data: 16/12/2008 as 16h:25m Título: Tribunal multa em R$ 142 mil pais de acusado de pedofilia na Coréia do Sul G1 Fonte: TRIBUNAL+MULTA+EM+R+MIL+PAIS+DE+ACUSADO+DE+PEDOFILIA+NA+CO

10 REIA+DO+SUL.html Resumo: Eles foram condenados por terem deixado o filho ter acesso a pornografia. Rapaz de 18 anos teria abusado sexualmente de menina de 7. Um tribunal sul-coreano condenou neste domingo (14) a uma multa de US$ 60,3 mil (mais de R$ 142 mil) os pais de um jovem de 18 anos que abusou sexualmente de uma menina de sete após ter sido exposto a pornografia desde cedo, informou a agência local "Yonhap". O tribunal do distrito do Sul de Seul impôs a multa aos pais após considerar que não cumpriram o dever de vigiar e proteger o filho, de modo que pudessem evitar o posterior crime. "Os pais podiam ter prevenido o crime com uma educação apropriada, mas não prestaram atenção suficiente ao filho. Foram negligentes em seu dever de criar o filho para que encaixasse bem na sociedade", afirmou o tribunal, em comunicado. O agressor, cuja identidade não foi revelada, cresceu vendo pornografia e outros materiais do tipo na internet desde os 13 anos, e, no momento do crime, tentava imitar um filme que tinha visto anteriormente, segundo o tribunal. O jovem, que sofre de Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDAH), abusou sexualmente em 2006 de uma menina de 7 anos que morava nas redondezas e depois foi condenado a dez anos de prisão. Os pais da menina pediram também 225 milhões de wons (US$ 164,305 mil) por danos, ao considerar que os pais do autor da agressão não tinham cumprido seus deveres. Data: 18/01/2009 as 22:40h CPI da Pedofilia - Senado Federal, Carlos Fortes, Promotor de Justiça - Ministério Público de Minas Gerais / Curador da Infância e da Juventude - divinópolis/mg Fonte: Resumo: A menininha tem seis aninhos de idade. É linda (como toda criança), com seus cachinhos castanhos e as covinhas no rosto angelical. Mas aparenta timidez e tristeza, incompatíveis com sua habitual alegria, sempre demonstrada pelo risinho cristalino. Questionada pela mãe, a menininha se cala. Diante da insistência, acaba por falar: O tio disse que eu não posso contar a ninguém Contar o quê?

11 Nada Com muito carinho e, às vezes somente com ajuda profissional, a menininha finalmente revela que o tio (geralmente alguém próximo da família) dela abusou sexualmente. A criança se sente amedrontada e até pensa que tudo é culpa dela. Na verdade foi mais uma vítima de um predador sexual ou pedófilo criminoso. Casos como este, e muito piores que este, infelizmente são muito mais comuns do que pensamos. A apuração é difícil, porque sempre envolvem constrangimento da vítima que muitas vezes passa toda a vida sem revelar o abuso que sofreu por vergonha ou por medo das habituais ameaças dos abusadores sexuais. Estima-se que menos de 10% dos abusos sexuais são relatados às autoridades. Hoje em dia a Pedofilia, principalmente na internet, movimento mais dinheiro que o tráfico de drogas (vide revista Marie Claire, edição de novembro/2008) Ao participar das audiências e diligências da CPI da Pedofilia, instaurada em abril deste ano no Senado Federal, e Presidida pelo Senador Magno Malta, verificamos por todo o Brasil casos gravíssimos de abuso sexual e violência contra a criança. Em locais onde a pobreza e a falta de instrução imperam é comum vermos crianças vendidas para uso sexual de adultos depravados, mães que levam as filhas (crianças e adolescentes) à prostituição, agenciamento de crianças à partir dos cinco anos de idade para o prazer sexual de pedófilos criminosos, leilão de crianças e virgens em bordéis no interior da Amazônia, estrangeiros que vem ao Brasil para turismo sexual O famoso caso de Boa Vista, capital de Roraima, onde estivemos, revelou na televisão o filme feito pela Polícia Federal que mostrou o momento em que uma mulher (agenciadora de crianças) entregava na casa de um pedófilo criminoso duas meninas de seis anos de idade. Uma das meninas levava nas mãos um ursinho de pelúcia, triste marco de sua inocência roubada O pedófilo foi preso e em seu poder foram apreendidas fotografias mostrando que tal fato era comum: crianças nuas e sendo abusadas por homens. As escutas telefônicas autorizadas pela Justiça mostraram que os criminosos negociavam a compra ou aluguel de crianças para o abuso, relatavam os atos nojentos que estes praticavam com as meninas, se referiam às virgens de onze anos de idade como noivinhas, além de mostrar toda sorte de depravações A agenciadora foi presa e, em seu depoimento, relatou que também sofrera abuso sexual a partir do seis anos, depois se tornou prostituta e usuária de drogas, finalmente se tornou agenciadora: cafetina de crianças! Mas este não é um caso isolado! Por todo o país vemos histórias de abuso sexual

12 infantil: como a prostituição infantil nas praias do nordeste, no interior do Pará, em Goiás, no Rio Grande do Sul, nas estradas que cortam todos os Estados. Observamos famílias pobres que vendem suas filhas. Mães que agenciam as próprias filhas e filhos ainda crianças. Estupro de meninas na Paraíba. Etc. Um dos casos mais horrendos vistos no âmbito da CPI aconteceu no estado do Espírito Santo: Uma menina de dois anos e meio de idade que era constantemente espancada e seviciada pelo próprio pai, uma das predileções do agressor era morder o corpo da filha. A menina foi mandada para um abrigo e o pai processado por tortura, mas fugiu da prisão preventiva decretada. Três meses após o abrigamento da menina, esta foi devolvida a casa. O pai/criminoso, que estava foragido, voltou e, poucos dias depois, matou a filha. Antes de matá-la, mais uma vez a estuprou, espancou, mordeu e terminou por introduzir um pedaço de cabo de vassoura no ânus da menina, causando ruptura e prolapso do intestino, que a levaram ao óbito. Entretanto, o abuso sexual acontece em todas as classes, credos e níveis intelectuais: há casos em São Paulo de médicos que abusavam de pacientes, líderes religiosos que abusavam de fiéis, Pais-de-santo que usavam de sua posição para manter relação sexual com meninos e meninas, etc. Em Minas Gerais não é diferente e observamos alguns casos emblemáticos: Em Uberlândia o professor universitário que manteve relação sexual com a mãe e a filha de seis anos de idade ao mesmo tempo. A mãe não só permitia e participava, como fotografou tudo! Durante um ano e meio! As fotos e filmes são chocantes. Ambos os criminosos estão condenados e presos. A menina traumatizada pelo resto da vida. Em Uberaba um chefe de cartório foi preso acusado de ter abusado sexualmente de mais de 25 meninos, todos em torno de dez anos de idade. Na sua casa foram encontradas mais de 200 fotografias pornográficas com menores e um quarto preparado para crianças. O pedófilo criminoso oferecia presentes aos meninos e conquistava a confiança das mães. Num único fim de semana, chegou a gastar mais de R$ 1 mil em roupas, calçados importados e até bicicletas. Os presentes eram uma forma de criar dependência nas crianças, a maioria de condição financeira precária. Recentemente o criminoso suicidou-se na prisão. Na Comarca de Peçanha um padre aliciava meninos de dez anos e idade e com eles mantinha relação sexual sob ameaça. Em Itapecerica um homem de sessenta anos de idade pagava a duas meninas de cinco e seis anos de idade para realizar sexo oral. Em Campo Belo um empresário recebia menina que era levada pela própria mãe etc e etc.

13 Na Comarca de Divinópolis temos casos gravíssimos: Um pedófilo criminoso mantinha relação sexual (estupro) com uma menina de seis anos de idade, além disso lhe dava cigarros e bebida alcoólica, filmando e fotografando tudo. O caso foi descoberto através das fotos e filmes esquecidos em uma câmera digital. O criminoso foi condenado. As fotos e filmes são escabrosos, mas uma das fotos a menos explícita foi capa da revista Carta Capital, quando da abertura da CPI da Pedofilia. Ainda em Divinópolis temos o caso de um pedófilo criminoso que, durante vários anos, abusou de diversas meninas, suas sobrinhas. Começava a manter relação com uma menina por volta dos oito anos idade e a abandonava por volta dos treze anos. Então passava a abusar de sua irmã ou prima mais nova. O caso só foi descoberto quando uma das meninas, anos depois, já com dezoito anos, resolveu contar tudo. Desacreditada, suicidou. Somente após sua morte é que se descobriu que outras meninas (primas), também haviam sofrido abuso. Foi expedido mandado de prisão contra o abusador, mas ele se encontra foragido. Além disso a prostituição infanto-juvenil não é mais novidade. Especialmente ligada ao tráfico de drogas: meninas de onze, doze anos de idade se vendem para comprar crack e maconha. Mães trocam filhas e filhos por droga. Também existem os casos que ocorrem nas classes média e alta, que dificilmente chegam a apuração. Abafados pela própria família. Mais de uma vez fui procurado por pessoas já adultas que relataram abusos na infância e, ao que parece, nada mais queriam que desabafar, oprimidas pelo crime de que foram vítimas. Em todo o Brasil o abuso sexual infantil não escolhe classe, credo, cor ou situação financeira ou nível de instrução. O abusador é covarde e usa todos os meios para praticar o crime. Na internet a situação também é grave. Por todo o mundo têm surgido casos de crimes hediondos praticados através do uso nocivo da rede de computadores. A internet é um excelente instrumento e também é um meio de comunicação como qualquer outro (como a televisão, o rádio, os jornais, etc) e, portanto, pode ser usada para o bem e para o mal. A maior parte do conteúdo da internet é bom, a rede é indispensável hoje em dia e saber lidar com ela é importantíssimo para a educação de crianças e adolescentes. Além disso, a internet também tem várias páginas que ajudam no combate ao crime e especialmente ao abuso sexual. Infelizmente pedófilos criminosos viram na rede mundial de computadores uma ótima oportunidade de abordar duas vítimas em relativo anonimato e conseguir seu intento hediondo de abusar das crianças. Mas felizmente já existem técnicas eficazes de encontrar os mais experientes criminosos virtuais, por isso o

14 anonimato da internet é relativo.mas cabe principalmente aos pais e responsáveis verificar as páginas e sites acessados por seus filhos, para que estes não sejam vítimas de crimes cibernéticos (entre eles o abuso sexual), assim como devem vigiar por onde seus filhos andam, com quem, fazendo o que etc. A CPI da Pedofilia conseguiu uma grande vitória no campo do combate ao abuso sexual na internet: Em maio quebrou o sigilo telemático de páginas do Orkut, pertencente à Google. Tais páginas (profiles) apresentavam características de pedofilia e tinham as fotografias trancadas. Todas foram examinadas por nós e os casos em que o crime se confirmou (muitos!) estão em andamento no Brasil e no exterior, inclusive contribuíram para a operação Carrossel II, da Polícia Federal. Foi a primeira vez no Brasil (e na América Latina) que a Google entregou os conteúdos denunciados. Há previsão da entrega do conteúdo de mais profiles suspeitos e já foi firmado entre a empresa e o Ministério Público Federal acordo para melhorar (em muito) o combate aos delitos cibernéticos. As fotos e vídeos obtidos do Orkut e de apreensões em computadores de pedófilos e já entregues à CPI são realmente monstruosas, nojentas e até inimagináveis para uma pessoa de bem. Abusos sexuais e violência de todo o tipo. É muito chocante, até para quem lida diariamente com o assunto, vislumbrar crianças inclusive bebês recém nascidos!! sendo estupradas e bolinadas. Examinar estas fotos e filmes já que fomos obrigados nos causou revolta e indignação, além de asco e nojo. Uma das Promotoras de Justiça da CPI foi obrigada a se retirar porque sentiu náuseas e ânsia de vômito. Algumas das fotos e vídeos foram mostradas ao Presidente Lula, que também reagiu indignado. Contra todos estes crimes temos que nos unir. Combater o abuso sexual e os crimes de pedofilia é uma questão vital para nossa sociedade. A criança e o adolescente são o que há de mais importante neste mundo, depois de Deus. Essa importância é evidente e tem suas bases, não somente em convicções religiosas, morais, éticas ou sociais, mas até mesmo biologicamente é preponderante o instinto de perpetuação da espécie, que gera a necessidade premente de reprodução e proteção da prole, ou seja, dos nossos filhos: de cada criança e cada adolescente. A Lei, como fruto da vontade do povo, no Estado Democrático de Direito como no Brasil não poderia estabelecer de forma diferente e por isso mesmo a Constituição Brasileira nossa mais importante Lei elegeu como a prioridade das prioridades o direito da criança e do adolescente. Somente uma vez o termo absoluta prioridade foi utilizado na Carta Magna, e o foi

15 no artigo 227 quando estabelece, entre os deveres e objetivos do Estado, juntamente com a sociedade e a família, assegurar a crianças e adolescentes os direitos à vida, à saúde, à alimentação, à educação, ao lazer, à dignidade e ao respeito, dentre outros. Garantir a observação dos direitos da infância e da adolescência é o único meio seguro e perene de garantir o progresso, a evolução e melhoria de vida para todas as pessoas. É investir no futuro. Mas afinal, o que é pedofilia? O termo pedofilia é uma palavra formada pelos vocábulos gregos pedos (que significa criança ou menino) + filia (inclinação, afinidade), que deve ser entendido em suas duas conotações: No campo da saúde a palavra pedofilia é usada para denominar o distúrbio de sexualidade caracterizado por predileção de adultos pela prática de ato sexual com crianças (pessoa que ainda não desenvolveram os caracteres sexuais secundários). Tal distúrbio ou parafilia é também chamado pedosexualidade, e pelo Código Internacional de Doenças da Décima Conferência de Genebra é um transtorno mental (CID-10, F65.4), o que não significa que o acusado seja doente mental ou tenha o desenvolvimento mental incompleto ou retardado. Existem uma minoria de pedófilos doentes e existem pedófilos criminosos que sabem muito bem o que estão fazendo. No campo jurídico a pedofilia pode ser definida como o abuso de natureza sexual cometido contra criança, que por sua vez é a pessoa menor de 12 anos de idade (como indicado no artigo 2º do Estatuto da Criança e do Adolescente). Atualmente não existe na legislação brasileira tipificação específica de um delito que tenha o nomem juris de pedofilia, sendo que este ato criminoso vem sendo punido no Brasil principalmente através dos artigos 213 (estupro) e 214 (atentado violento ao pudor) do Código Penal, além dos artigos 240 (Produzir ou dirigir representação teatral, televisiva, cinematográfica, atividade fotográfica ou de qualquer outro meio visual, utilizando-se de criança ou adolescente em cena pornográfica, de sexo explícito ou vexatória) e 241 (Apresentar, produzir, vender, fornecer, divulgar ou publicar, por qualquer meio de comunicação, inclusive rede mundial de computadores ou internet, fotografias ou imagens com pornografia ou cenas de sexo explícito envolvendo criança ou adolescente) do Estatuto da Criança e do Adolescente. O abuso sexual cometido contra criança atinge todos os seus direitos. A criança que é vítima de pedofilia tem evidentemente desrespeitados seus direitos à saúde (uma vez que agredida fisicamente pelo abuso sexual), à vida, à dignidade, ao respeito e à liberdade. A criança que é vítima de pedofilia tem atacada drasticamente sua auto-estima, via de regra se torna depressiva e apresenta seqüelas para toda a vida, tendo atingidos,

16 pois, seus direitos à saúde (também mental), à alimentação, à educação, ao lazer, à profissionalização e à cultura. Além disso, as estatísticas mostram que há enorme tendência de que o abusado na infância se torne um abusador na idade adulta. Por tudo isso, são necessárias medidas mais severas no sentido de colocar as crianças e adolescentes a salvo de toda forma de negligência, discriminação, exploração, violência, crueldade e opressão, especialmente ligadas à pedofilia. Um dos objetivos da CPI da Pedofilia é a construção de uma legislação mais eficiente no combate aos crimes sexuais cometidos contra criança. Um projeto de lei já foi apresentado, reformando a parte criminal relativa ao Estatuto da Criança e do Adolescente, criando novos tipos penais que incriminam o portador de pornografia infantil, o agente que assedia pela internet, etc. Este projeto já foi aprovado no Senado e na Câmara Federal, devendo ser sancionado pelo presidente Lula em 28 de novembro de 2008, durante o Congresso Mundial de Enfrentamento da Exploração Sexual Contra Crianças e Adolescentes, que acontecerá no Rio de Janeiro, de 25 a 28 de novembro. A parte relativa ao Código Penal será brevemente apresentada ao Senado. Outros projetos estão em andamento. Mas a legislação é inútil sem a participação popular na denúncia responsável dos criminosos e na prevenção dos crimes. É preciso que todos estejamos atentos, especialmente pais, professores e aqueles que lidam diretamente com crianças. O combate direto, através dos processos criminais, e a prevenção são também objetivos da CPI e de toda a sociedade. A CPI lançou a campanha TODOS CONTRA A PEDOFILIA, já iniciada em algumas cidades (Vitória e Vila Velha/ES) e na TV, visando despertar a população para a realidade da situação dos crimes de abuso sexual contra crianças e adolescentes, além de trazer informações sobre o que são e de como prevenir e combater tais crimes. Presidente Lula, Senadores e grupo de trabalho da CPI da Pedofilia. No dia 17 de novembro de 2008, em Divinópolis/MG, foi realizada passeata, da qual participou o Presidente da CPI da Pedofilia (Senador Magno Malta) entre outras autoridades, escolas, conselhos, etc. No mesmo dia foi feito o lançamento da campanha em outras cidades de MG e já estão agendados diversos eventos em vários outros municípios de todo o Brasil. Durante a campanha são feitas palestras de esclarecimento sobre o assunto e distribuídas camisetas, bonés, folders, adesivos, etc,, além da cartilha ABUSO SEXUAL INFANTO-JUVENIL, algumas informações para os pais ou responsáveis, organizada e escrita por encomenda da CPI (autores: Promotor Carlos Fortes, Advogada e Mãe Mônica Felicíssimo e Psicopedagoga Neire Araújo) e publicada pelo Senado Federal, para distribuição em todo o Brasil.

17 É preciso que o Brasil se conscientize da necessidade de proteger nossas crianças. É preciso que todos os direitos da criança e adolescente saiam do papel e venham para a realidade. Este é o único caminho para um futuro melhor. Data: 18/01/2009 as 23h Títuto: Professor, declare guerra à pedofilia e ao abuso sexual infantil! fonte: Filmografia - Má Educação, Pedro Almodóvar, Fox Vídeo Brasil, tel. (0 11) Pubicado portandai sobre Brasil, Prevenção O site traz informações sobre a Campanha Nacional de Combate à Pedofilia na Internet No endereço é possível copiar o texto do Estatuto da Criança e do Adolescente Resumo: Os professores têm um papel fundamental na guerra contra violência de nossas crianças e adolescentes. Suas armas podem estar em aulas que poderão orientar e prevenir. Foi-se o tempo em que as monarcas assumiam uma pose plácida enquanto se sentavam em tronos dourados, preocupadas apenas em cumprir o protocolo e sair bem na foto ao lado do marido coroado. Na Suécia, a rainha Silvia que é filha de uma brasileira arregaçou as mangas das vestes reais em 1996 e criou uma ONG para combater o abuso sexual de crianças. De passagem pelo país na semana passada, ela contou a VEJA que sua batalha começou quando conheceu filmes pornográficos estrelados por menores de idade. Sensibilize a turma para o problema, que só fez aumentar com o anonimato propiciado pela internet. A entrevista com a nobre escandinava abre espaço para você explicitar a diferença entre pedofilia e exploração sexual infantil. Este plano de aula relembra ainda o escândalo que quase levou para a cadeia o cantor Michael Jackson. Preparação da aula Explore com a garotada os sites indicados no final deste roteiro. Se possível, imprima o texto do Estatuto da Criança e do Adolescente. Tire cópias do quadro abaixo e distribua para os estudantes. Para ir mais longe Como identificar uma vítima de abuso sexual Sinais corporais e provas materiais Doenças psicossomáticas sem causa clínica aparente: dor de cabeça, erupções na pele, vômitos etc.;

18 Coceira na área genital, infecções urinárias, odor vaginal, corrimento ou outras secreções vaginais e penianas; Baixo controle dos esfíncteres, constipação ou incontinência urinária; Ganho ou perda de peso de forma abrupta; e Traumatismo físico ou lesões corporais. Sinais no comportamento e provas imateriais Quanto ao comportamento/sentimento Medo de certa pessoa ou sentimento generalizado de pânico; Tristeza, abatimento profundo ou depressão crônica. Fraco controle de impulsos e comportamento autodestrutivo ou suicida; e Baixo nível de auto-estima e excessiva preocupação em agradar os outros. Quanto à sexualidade Interesse súbito por questões sexuais; Expressão de afeto sensualizada ou mesmo certo grau de provocação erótica inapropriado para a idade; Masturbações compulsivas; e Habilidade de desenhar órgãos genitais com detalhes e características além de sua capacidade etária. Quanto a hábitos, cuidados corporais e higiênicos Sono perturbado por pesadelos freqüentes, agitação noturna, gritos e suores provocados pelo terror de adormecer e sofrer abuso; Fugas freqüentes de casa; e Envolvimento em prostituição infantil. Quanto à freqüência e ao desempenho escolar Assiduidade e pontualidade exageradas e pouco interesse ou mesmo resistência em voltar para casa após a aula; e Queda injustificada na freqüência escolar. Texto adaptado do Guia Escolar Rede de Proteção à Infância, MEC/Unifem. Para começo de conversa. Explique a diferença entre pedofilia e exploração sexual infantil. Segundo a psicologia, a primeira é uma patologia que se manifesta em adultos. Esses só atingem prazer sexual com crianças e adolescentes por meio do contato físico ou a apreciação de fotografias e filmes eróticos. Como geralmente é um indivíduo tímido e inseguro com a própria sexualidade, o pedófilo tem dificuldade para se relacionar com pessoas de sua idade e por isso aborda as crianças, inclusive os filhos. O explorador sexual, por seu

19 turno, faz uso comercial das vítimas, agenciando-as para o usufruto dos pedófilos ou vendendo suas imagens na rede mundial de computadores, por exemplo. Se achar apropriado, pergunte se os alunos conhecem de perto esse triste problema. Lembre que a prostituição de menores é uma praga que envergonha o Brasil. As cidades de São Paulo, Goiânia e as capitais da Região Norte apresentam os maiores índices de violência sexual contra crianças. Engrossam a lista os principais municípios praianos do Nordeste, onde o turismo sexual praticado tanto por brasileiros quanto por estrangeiros só fomenta o crime. Seus alunos provavelmente acompanharam o julgamento do ídolo pop Michael Jackson, que respondeu por dez acusações de abuso. Pergunte como eles avaliam a absolvição do cantor americano. Será que o dinheiro pago às famílias nos acordos falou mais alto do que a dor das vítimas e calou a Justiça? Ou a suposta culpa do réu não ficou mesmo evidente? Cite também a novela América, da TV Globo, que tratou ainda que sem profundidade da questão da pedofilia pela internet, e o longa-metragem Má Educação, do espanhol Pedro Almodóvar, que ambienta o tema num seminário católico. Para debater Informe que, segundo a legislação brasileira, criança é quem tem até 12 anos de idade incompletos, e adolescente, entre 12 a 18 anos. O Estatuto da Criança e do Adolescente, cuja leitura vai ser de muita utilidade para a construção da cidadania dos estudantes, protege legalmente a infância contra abusos como os da pedofilia. Mas também há leis específicas que proíbem a produção e a veiculação de imagens com conteúdo sexual envolvendo menores de 18 anos. A pena prevista para os infratores é de reclusão. Mesmo assim, são comuns esses crimes, cometidos em diversas circunstâncias. Além dos casos já mencionados, fale dos incidentes rumorosos que abalaram a Igreja durante a última década. Nos Estados Unidos, a paróquia de Boston chegou a declarar falência por causa das indenizações bilionárias que foi obrigada a pagar às famílias das vítimas. O que acontece quando um coroinha se vê molestado por um padre? Geralmente, o único castigo imposto pelo Vaticano é transferir o culpado para uma paróquia distante a fim de abafar o escândalo. Ressalte que os pedófilos se protegem das acusações invocando exemplos históricos, como o amor dos filósofos gregos por crianças, seus alunos nas escolas do período clássico. Há ainda quem alegue que seu desejo carnal deve ser respeitado, assim como qualquer outra orientação sexual. De fato, a categoria criança não existiu sempre da mesma forma em nossa sociedade. O conceito é uma invenção da modernidade. Mas nada disso justifica um ato de violência.

20 Exercícios e outras atividades Oriente a criação de uma campanha contra a exploração sexual de menores e a pedofilia. O material pode ser apresentado em forma de cartazes, spots de rádio ou faixas de rua. As informações do quadro abaixo servem como ponto de partida para a atividade. Data: 18/01/2009 as 23:15h Títuto: Pedófilo é preso em Taguatinga Norte fonte: Renata de Freitas Zampollo, Segundo -Tenente Assessora de Comunicação Social Com4ºDN - Por Edir Gillet / Secom Fonte: Agência Pará de Notícias -: Clicabrasilia Resumo: A polícia prendeu, nesta sexta-feira (16), um homem de 50 anos por pedofilia. Ele é acusado de abusar sexualmente de uma menina de nove anos com a participação da mãe da criança. Após uma denúncia anônima, feita há cinco meses e meio, a polícia localizou o homem e monitorou conversas dele com crianças na internet. O nome completo do acusado não foi divulgado pela polícia para não atrapalhar as investigações. O caso foi comprovado e o pedófilo foi preso em Taguatinga Norte, onde mora. O suspeito teria abusado da menina em um hotel fazenda no entorno do Distrito Federal e depois mantido relações sexuais com a mãe da vítima. Data: 18/01/2009 as 23:25h Título: CPI da Pedofilia: Marinha se defende de acusações Pubicado portandai sobre Brasil, Crimes, Pará Resumo: Durante depoimento do bispo Dom Luiz Azcona, na CPI da Pedofilia da Assembléia Legislativa do Pará, ele afirmou que a Marinha não patrulha o litoral do Pará e Amapá, facilitando a rota de exploração sexual e tráfico humano. Eis a resposta do comando do IV Distrito Naval: De acordo com informações obtidas junto à Seção de Operações do Estado-Maior do Comando do 4ºDistrito Naval, foram realizadas as seguintes patrulhas: Em 2008: - Patrulhas Navais no litoral do Pará e Amapá, até o Oiapoque, nos meses de fevereiro, março, junho, agosto e dezembro; - Patrulhas Fluviais até a Cidade de Santana, passando pelos Estreitos, nos meses de março e agosto; e

Palestra Depois do Abuso Sexual Como encaminhar e lidar com criança vítima de abuso sexual

Palestra Depois do Abuso Sexual Como encaminhar e lidar com criança vítima de abuso sexual Palestra Depois do Abuso Sexual Como encaminhar e lidar com criança vítima de abuso sexual Guilherme Schelb, Promotor de Justiça da Infância em Brasília (1992-1995), especialista em temas da infância e

Leia mais

70% 500.000. De acordo com a nova lei, são crianças e adolescentes. 1. de estupro

70% 500.000. De acordo com a nova lei, são crianças e adolescentes. 1. de estupro O QUE É VIOLÊNCIA SEXUAL Todos os anos, estima-se que 500.000 70% Mulheres das vítimas sejam vítimas de estupro no Brasil, e que outros tantos milhões sofram com abusos e violências sexuais. de estupro

Leia mais

A 4ª Delegacia de Polícia de Repressão à Pedofilia - Estatísticas e Cases

A 4ª Delegacia de Polícia de Repressão à Pedofilia - Estatísticas e Cases A 4ª Delegacia de Polícia de Repressão à Pedofilia - Estatísticas e Cases Dra.Ancilla-Dei Vega Dias Baptista Giaconi Maio/2014 0 4ª Delegacia de Polícia de Repressão à Pedofilia Criada em 23 de Novembro

Leia mais

As ilustrações desta cartilha foram efetuadas por Carlos Myrria (092-236-5568 e 092-985-5420)

As ilustrações desta cartilha foram efetuadas por Carlos Myrria (092-236-5568 e 092-985-5420) Fica autorizada a reprodução do texto e ilustrações, no todo ou em parte, desde que se não altere o sentido, bem como seja citada a fonte. As ilustrações desta cartilha foram efetuadas por Carlos Myrria

Leia mais

Esta cartilha destina-se ao público adulto, composto por profissionais da educação, saúde, assistência social, psicólogos, conselheiros tutelares e

Esta cartilha destina-se ao público adulto, composto por profissionais da educação, saúde, assistência social, psicólogos, conselheiros tutelares e Cartilha Denuncie o abuso e a exploraçao sexual contra crianças e adolescentes Esta cartilha destina-se ao público adulto, composto por profissionais da educação, saúde, assistência social, psicólogos,

Leia mais

Cartilha de Prevenção Orientações para o combate à Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes

Cartilha de Prevenção Orientações para o combate à Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes Art. 5º Nenhuma criança ou adolescente será objeto de qualquer forma de negligência, discriminação, exploração, violência, crueldade e opressão, punido na forma da lei qualquer atentado, por ação ou omissão,

Leia mais

Abuso Sexual de Crianças e Adolescentes

Abuso Sexual de Crianças e Adolescentes Quebrando Tabus Abuso Sexual de Crianças e Adolescentes Maio de 2008 Lauro Monteiro Médico Pediatra Editor do Observatório da Infância www.observatoriodainfancia.com.br Importância de Vitória Vésperas

Leia mais

4 NOÇÕES DE DIREITO E LEGISLAÇÃO EM INFORMÁTICA

4 NOÇÕES DE DIREITO E LEGISLAÇÃO EM INFORMÁTICA 4 NOÇÕES DE DIREITO E LEGISLAÇÃO EM INFORMÁTICA 4.1 Legislação aplicável a crimes cibernéticos Classifica-se como Crime Cibernético: Crimes contra a honra (injúria, calúnia e difamação), furtos, extorsão,

Leia mais

Sinais no comportamento ou provas imateriais

Sinais no comportamento ou provas imateriais 46 CRAMI - ABCD Abuso Sexual Indicadores na Conduta da Criança/Adolescente Sinais corporais ou provas materiais Enfermidades psicossomáticas, que são uma série de problemas de saúde sem aparente causa

Leia mais

Como o Brasil enfrenta a exploração sexualcomercial de crianças e adolescentes

Como o Brasil enfrenta a exploração sexualcomercial de crianças e adolescentes Como o Brasil enfrenta a exploração sexualcomercial de crianças e adolescentes 1. Introdução Fenômeno dos mais graves de nosso tempo, a exploração sexual-comercial de crianças e adolescentes não deve ser

Leia mais

BuscaLegis.ccj.ufsc.br

BuscaLegis.ccj.ufsc.br BuscaLegis.ccj.ufsc.br O crime de divulgação de pornografia infantil pela Internet Breves Comentários à Lei 10.764/03 Demócrito Reinaldo Filho Foi publicada (no DOU do dia 13/11) a Lei Federal 10.764,

Leia mais

Vamos Combater o Abuso e a Exploração Sexual Contra Crianças e Adolescentes

Vamos Combater o Abuso e a Exploração Sexual Contra Crianças e Adolescentes Vamos Combater o Abuso e a Exploração Sexual Contra Crianças e Adolescentes A violência sexual contra crianças e adolescentes acontece em todo o mundo, em diversas famílias e classes sociais. O QUE É A

Leia mais

COMISSÃO DE SEGURIDADE SOCIAL E FAMÍLIA. PROJETO DE LEI N o 1.167, DE 2007 (Apensos os PL's 3.773/08 e 4.056/2008)

COMISSÃO DE SEGURIDADE SOCIAL E FAMÍLIA. PROJETO DE LEI N o 1.167, DE 2007 (Apensos os PL's 3.773/08 e 4.056/2008) 1 COMISSÃO DE SEGURIDADE SOCIAL E FAMÍLIA PROJETO DE LEI N o 1.167, DE 2007 (Apensos os PL's 3.773/08 e 4.056/2008) Acrescenta inciso IV ao 1º e 3º ao art. 241 da Lei nº 8.069, de 13 de julho de 1990 Estatuto

Leia mais

Tema: Criminalidade e Cotidiano. Título: A violência na História do Brasil.

Tema: Criminalidade e Cotidiano. Título: A violência na História do Brasil. Arquivo do Estado de SP O Uso dos Documentos de Arquivo na Sala de Aula Tema: Criminalidade e Cotidiano. Título: A violência na História do Brasil. Mariana Ramos Apolinário 2º semestre 2013 São Paulo SP

Leia mais

Violência Sexual PIBID -Temas Transversais Unipampa campus Uruguaiana

Violência Sexual PIBID -Temas Transversais Unipampa campus Uruguaiana Violência Sexual PIBID -Temas Transversais Unipampa campus Uruguaiana Termos Utilizados Abuso Sexual; Violência Sexual doméstica; Prostituição; Tráfico para fins sexuais (interno e externo); Pornografia

Leia mais

ANÁLISE DA PEDOFILIA NA INTERNET SOB O ASPECTO DA LEGISLAÇÃO BRASILEIRA

ANÁLISE DA PEDOFILIA NA INTERNET SOB O ASPECTO DA LEGISLAÇÃO BRASILEIRA 1 ANÁLISE DA PEDOFILIA NA INTERNET SOB O ASPECTO DA LEGISLAÇÃO BRASILEIRA Raphaella Karla Martins de Lima 1 INTRODUÇÃO A internet é o meio de comunicação que mais revolucionou e trouxe benefícios tecnológicos

Leia mais

Benefício libera 10 mil presos

Benefício libera 10 mil presos Clipping produzido pelo Instituto de Políticas Públicas de Segurança da Fundação Santo André INSEFUSA 10/04/2006 Benefício libera 10 mil presos Jornal da Tarde, 10 de abril de 2006 - As portas das penitenciárias

Leia mais

Lei MARIA DA PENHA 3 anos depois

Lei MARIA DA PENHA 3 anos depois Lei MARIA DA PENHA 3 anos depois Três anos depois, lei Maria da Penha diversifica perfil de mulheres que procuram ajuda contra violência doméstica. Quais são os resultados trazidos pela lei Maria da Penha?

Leia mais

Para as Vítimas de Crime

Para as Vítimas de Crime Para as Vítimas de Crime Através deste documento, explicaremos a sequência da investigação e do julgamento e o sistema que a vítima poderá utilizar. Será uma satisfação poder ajudar a amenizar os sofrimentos

Leia mais

Cidadão com Segurança. Respeito mútuo entre Cidadão e Polícia

Cidadão com Segurança. Respeito mútuo entre Cidadão e Polícia Cidadão com Segurança Respeito mútuo entre Cidadão e Polícia Presidente do Conselho Nacional do Ministério Público e Procurador-Geral da República Roberto Monteiro Gurgel Santos Comissão do Sistema Prisional,

Leia mais

Centro de Combate à Violência Infantil. O amor por princípio, a defesa dos direitos das crianças e dos adolescentes por vocação

Centro de Combate à Violência Infantil. O amor por princípio, a defesa dos direitos das crianças e dos adolescentes por vocação Centro de Combate à Violência Infantil O amor por princípio, a defesa dos direitos das crianças e dos adolescentes por vocação Centro de Combate à Violência Infantil Violência Física contra Crianças e

Leia mais

Curso de. Direito. Núcleo de Prática Jurídica. Crimes Sexuais Estupro e Pedofilia. www.faesa.br

Curso de. Direito. Núcleo de Prática Jurídica. Crimes Sexuais Estupro e Pedofilia. www.faesa.br Curso de Direito Núcleo de Prática Jurídica Crimes Sexuais Estupro e Pedofilia www.faesa.br mportante: Serviços especializados em crimes sexuais: Ÿ Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA)

Leia mais

Estado de Mato Grosso Poder Judiciário Comarca de Jauru ROMPENDO O SILÊNCIO

Estado de Mato Grosso Poder Judiciário Comarca de Jauru ROMPENDO O SILÊNCIO 1 Estado de Mato Grosso Poder Judiciário Comarca de Jauru ROMPENDO O SILÊNCIO 2 O Fórum da Comarca de Jauru/MT em cumprimento a determinação emanada da Coordenadoria da Infância e Juventude do Tribunal

Leia mais

23ª Área Integrada de Segurança Pública - AISP

23ª Área Integrada de Segurança Pública - AISP 23ª Área Integrada de Segurança Pública - AISP Unidade Territorial E Leblon, Ipanema, Jardim Botânico, Lagoa,, São Conrado, Gávea e Vidigal (Clique no bairro para visualizar o relatório) ANÁLISE DO LEBLON

Leia mais

Sem proteção: é assim que uma criança ou adolescente se sente quando sofre algum tipo de violência.

Sem proteção: é assim que uma criança ou adolescente se sente quando sofre algum tipo de violência. Sem proteção: é assim que uma criança ou adolescente se sente quando sofre algum tipo de violência. VIOLÊNCIA INFANTOJUVENIL: COMO VOCÊ PODE AJUDAR? Esta cartilha objetiva esclarecer pais, educadores,

Leia mais

PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 211, DE 2014

PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 211, DE 2014 PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 211, DE 2014 O CONGRESSO NACIONAL decreta: Altera o art. 241-D da Lei nº 8.069, de 13 de julho de 1990 (Estatuto da Criança e do Adolescente ECA), para tornar crime a conduta

Leia mais

www.senado.leg.br/datasenado

www.senado.leg.br/datasenado www.senado.leg.br/datasenado Lei Maria da Penha completa 9 Promulgada em 2006, a Lei Maria da Penha busca garantir direitos da mulher, além da prevenção e punição de casos de violência doméstica e familiar.

Leia mais

ORIENTAÇÕES DE COMUNICAÇÃO SOBRE VIOLÊNCIA SEXUAL CONTRA CRIANÇAS E ADOLESCENTES

ORIENTAÇÕES DE COMUNICAÇÃO SOBRE VIOLÊNCIA SEXUAL CONTRA CRIANÇAS E ADOLESCENTES A proteção e a promoção dos direitos da infância e adolescência também devem ser contempladas na forma como falamos e comunicamos este assunto. Alguns cuidados com a comunicação são fundamentais para proteger

Leia mais

Formas de Violência Doméstica (contra crianças, adolescentes e mulheres)

Formas de Violência Doméstica (contra crianças, adolescentes e mulheres) VIOLÊNCIA DOMÉSTICA A violência é uma questão social que afeta a todas as pessoas, mulheres e homens, sejam elas crianças, adolescentes, jovens, adultos, idosos. Ela acontece em todas as classes sociais,

Leia mais

Felipe Perin. AUV surveyor. Consultor de TI. Desenvolvedor web. Entusiasta em software livre. Segurança em Redes de Computadores.

Felipe Perin. AUV surveyor. Consultor de TI. Desenvolvedor web. Entusiasta em software livre. Segurança em Redes de Computadores. Felipe Perin E-mail: Linkedin: Sites: AUV surveyor Consultor de TI Desenvolvedor web Entusiasta em software livre Segurança em Redes de Computadores Palestrante perin.ng@gmail.com http://br.linkedin.com/in/felipeperin

Leia mais

QUERIDO(A) ALUNO(A),

QUERIDO(A) ALUNO(A), LANÇADA EM 15 MAIO DE 2008, A CAMPANHA PROTEJA NOSSAS CRIANÇAS É UMA DAS MAIORES MOBILIZAÇÕES PERMANENTES JÁ REALIZADAS NO PAÍS, COM FOCO NO COMBATE À VIOLÊNCIA DOMÉSTICA E À EXPLORAÇÃO SEXUAL DE CRIANÇAS

Leia mais

CADERNO DE RASCUNHO DIREITO PENAL

CADERNO DE RASCUNHO DIREITO PENAL Ordem dos Advogados do Brasil Exame de Ordem Unificado 2010.2 Prova Prático-profissional CADERNO DE RASCUNHO DIREITO PENAL Leia com atenção as instruções a seguir: 1. Você está recebendo do fiscal de sala,

Leia mais

DIREITO PENAL E DIREITO PROCESSUAL PENAL

DIREITO PENAL E DIREITO PROCESSUAL PENAL DIREITO PENAL E DIREITO PROCESSUAL PENAL PEÇA PROFISSIONAL Mariano Pereira, brasileiro, solteiro, nascido em 20/1/1987, foi denunciado pela prática de infração prevista no art. 157, 2.º, incisos I e II,

Leia mais

USUÁRIO CONTA SUA HISTÓRIA

USUÁRIO CONTA SUA HISTÓRIA NOME ESTADO MUNICÍPIO INSTITUIÇÃO GUILHERME SÃO PAULO (SP) GUARUJÁ CENTRO DE DETENÇÃO PROVISÓRIA DE SÃO VICENTE NOME SEXO GUILHERME MASCULINO IDADE 22 25 COR GRAU DE INSTRUÇÃO RELIGIÃO RENDA ESTADO CIVIL

Leia mais

PEDOFILIA: UM VERDADEIRO CÂNCER SOCIAL. Senhoras Deputadas, Senhores Deputados,

PEDOFILIA: UM VERDADEIRO CÂNCER SOCIAL. Senhoras Deputadas, Senhores Deputados, 1 Discurso proferido pelo Deputado Geraldo Resende (PMDB/MS) em Sessão no dia 05/11/2008. PEDOFILIA: UM VERDADEIRO CÂNCER SOCIAL Senhor presidente, Senhoras Deputadas, Senhores Deputados, É triste nos

Leia mais

Bullying não é brincadeira!

Bullying não é brincadeira! Bullying não é brincadeira! Nunca se discutiu tanto, nos meios de comunicação, nas escolas e universidades, a violência física e verbal que ocorre nas escolas. O bullying, popular inclusive entre os alunos,

Leia mais

PARECER Nº, DE 2010. RELATOR: Senador RENATO CASAGRANDE

PARECER Nº, DE 2010. RELATOR: Senador RENATO CASAGRANDE PARECER Nº, DE 2010 Da COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO, JUSTIÇA E CIDADANIA, em caráter terminativo, sobre o Projeto de Lei do Senado nº 37, de 2010, da Senadora Lúcia Vânia, que altera o art. 10 do Código de

Leia mais

PREVENÇÃO DE VIOLÊNCIAS E PROMOÇÃO DA CULTURA DE PAZ

PREVENÇÃO DE VIOLÊNCIAS E PROMOÇÃO DA CULTURA DE PAZ MINISTÉRIO DA SAÚDE IMPACTO DA VIOLÊNCIA NA SAÚDE DAS CRIANÇAS E ADOLESCENTES PREVENÇÃO DE VIOLÊNCIAS E PROMOÇÃO DA CULTURA DE PAZ VOCÊ É A PEÇA PRINCIPAL PARA ENFRENTAR ESTE PROBLEMA Brasília - DF 2008

Leia mais

Coriolano Aurélio de Almeida Camargo Santos 2- Vice-Presidente da Comissão de Direito na Sociedade da Informação da OAB SP DATA: 03/08/2009

Coriolano Aurélio de Almeida Camargo Santos 2- Vice-Presidente da Comissão de Direito na Sociedade da Informação da OAB SP DATA: 03/08/2009 Coriolano Aurélio de Almeida Camargo Santos 2- Vice-Presidente da Comissão de Direito na Sociedade da Informação da OAB SP DATA: 03/08/2009 Uma a cada sete crianças de 10 a 17 anos recebe solicitações

Leia mais

Como proceder à notificação e para onde encaminhá-la?

Como proceder à notificação e para onde encaminhá-la? Se a família não quiser ou não puder assumir a notificação, o educador deverá informar a família que, por força da lei, terá que notificar o fato aos órgãos competentes. Como proceder à notificação e para

Leia mais

Delegado diz não ter dúvida de que Mizael é o assassino de Mércia

Delegado diz não ter dúvida de que Mizael é o assassino de Mércia Delegado diz não ter dúvida de que Mizael é o assassino de Mércia O delegado Antônio Olim (sentado) (Foto: Reprodução) O delegado Antônio Assunção de Olim, ouvido como testemunha nesta terça-feira (12),

Leia mais

18 de Maio. Denuncie. Faça sua parte! Dia Nacional de Combate ao Abuso e a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes

18 de Maio. Denuncie. Faça sua parte! Dia Nacional de Combate ao Abuso e a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes 18 de Maio Dia Nacional de Combate ao Abuso e a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes VIOLÊNCIA SEXUAL CONTRA CRIANÇAS E ADOLESCENTES. Denuncie. Faça sua parte! Ficha Técnica União Norte Brasileira

Leia mais

Violência Doméstica contra Crianças sob a

Violência Doméstica contra Crianças sob a Apresentação Maria Alice Barbosa de Fortunato Autores: Kássia Cristina C. Pereira* Maria Alice B. Fortunato* Marilurdes A. de M. Álvares* Orientadora: Lygia Maria Pereira da Silva** * Fiocruz CPQAM/ NESC

Leia mais

Os números da violência contra a

Os números da violência contra a Mensagem à Mulher Os números da violência contra a mulher são alarmantes. São vários os tipos de violência. Para se ter uma ideia, a cada ano 50 mil mulheres sofrem violência, sendo dez delas assassinadas.

Leia mais

USUÁRIO É CONDENADO POR DROGAS DE TERCEIROS

USUÁRIO É CONDENADO POR DROGAS DE TERCEIROS NOME DEFENSOR: DAWIDSON PAULA DA JESUS ESTADO: SÃO PAULO DESCRIÇÃO DO CASO QUALIFICAÇÃO NOME: SEXO: ROGERIO ALMEIDA BARBOSA MASCULINO IDADE: 18-21 COR: PARDO GRAU DE INSTRUÇÃO: RELIGIÃO: CATÓLICA FUNDAMENTAL

Leia mais

Exploração Sexual Comercial de Crianças as e Adolescentes

Exploração Sexual Comercial de Crianças as e Adolescentes Exploração Sexual Comercial de Crianças as e Adolescentes Gorete Vasconcelos go_vasconcelos@yahoo.com.br Marcos Históricos e Políticos Código de Menores /1927 Doutrina da Situação Irregular; Declaração

Leia mais

FACULDADE PROJEÇÃO FAPRO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

FACULDADE PROJEÇÃO FAPRO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO FACULDADE PROJEÇÃO FAPRO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO ALLAN ARDISSON COSSET DIEGO ALVES DE PAIVA ERICK SOUSA DAMASCENO HUGO NASCIMENTO SERRA RICARDO FRANÇA RODRIGUES Legislação Aplicada à Computação Crimes de

Leia mais

cartilha direitos humanos layout:layout 1 2008-09-05 13:42 Página 1 CAPA

cartilha direitos humanos layout:layout 1 2008-09-05 13:42 Página 1 CAPA cartilha direitos humanos layout:layout 1 2008-09-05 13:42 Página 1 CAPA cartilha direitos humanos layout:layout 1 2008-09-05 13:42 Página 2 TODOS SÃO IGUAIS PERANTE A LEI* *Artigo 5º da Constituição Brasileira

Leia mais

Indicadores de Violência e Segurança Pública

Indicadores de Violência e Segurança Pública Indicadores de Violência e Segurança Pública 1 2 3 Indicadores de Violência e Segurança Pública Proposta: criação e implementação do Sistema Estadual de Informações de Violência e Segurança Pública Parcerias

Leia mais

Malabaristas Equilibristas infantis lutando por uma vida digna

Malabaristas Equilibristas infantis lutando por uma vida digna Malabaristas Equilibristas infantis lutando por uma vida digna Autor: Alexandre Pontieri (Advogado, Pós-Graduado em Direito Tributário pela UNIFMU-SP, Pós-Graduado em Direito Penal pela ESMP-SP) Publicado

Leia mais

Prevenção ao abuso sexual infantil Pedofilia

Prevenção ao abuso sexual infantil Pedofilia Segurança contra a pedofilia Orientações aos pais 1 2 Prevenção ao abuso sexual infantil Pedofilia 3 4 1 Nunca Atitudes preventivas deixe seu filho dormir fora de casa ainda que seja em casa de parentes

Leia mais

Secretário de Segurança nega não ter atendido convocações na Alesp

Secretário de Segurança nega não ter atendido convocações na Alesp Clipping produzido pelo Instituto de Políticas Públicas de Segurança da Fundação Santo André INSEFUSA 12/05/2006 Secretário de Segurança nega não ter atendido convocações na Alesp Diário de São Paulo,

Leia mais

ABUSO ON LINE E PORNOGRAFIA INFANTIL PELA INTERNET

ABUSO ON LINE E PORNOGRAFIA INFANTIL PELA INTERNET ABUSO ON LINE E PORNOGRAFIA INFANTIL PELA INTERNET A internet está cada vez mais presente na vida de crianças e adolescentes Atualmente, milhões de usuários estão conectados à internet em todo o mundo,

Leia mais

EXCELENTÍSSIMO SENHOR DOUTOR SECRETÁRIO DE ESTADO DE SEGURANÇA PÚBLICA DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO

EXCELENTÍSSIMO SENHOR DOUTOR SECRETÁRIO DE ESTADO DE SEGURANÇA PÚBLICA DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO EXCELENTÍSSIMO SENHOR DOUTOR SECRETÁRIO DE ESTADO DE SEGURANÇA PÚBLICA DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO FABIANO CONTARATO, brasileiro, solteiro, com 48 anos de idade, Delegado de Polícia Civil e Professor Universitário,

Leia mais

NÚMEROS DISQUE DEFESA HOMOSSEXUAL DDH

NÚMEROS DISQUE DEFESA HOMOSSEXUAL DDH 1 ANO EM NÚMEROS DISQUE DEFESA HOMOSSEXUAL DDH DISQUE DEFESA HOMOSSEXUAL RELATÓRIO 1 ANO Em 1 ano de funcionamento (1 de julho de 1999 a 28 de junho de 2000), foram atendidos 382 casos pelos voluntários

Leia mais

Violência contra a Pessoa Idosa. Sandra Regina Gomes Fonoaudióloga e Gerontóloga sandra@longevida.com.br

Violência contra a Pessoa Idosa. Sandra Regina Gomes Fonoaudióloga e Gerontóloga sandra@longevida.com.br Violência contra a Pessoa Idosa Sandra Regina Gomes Fonoaudióloga e Gerontóloga sandra@longevida.com.br Violência contra as pessoas idosas: FOTOGRAFIA: THINKSTOCK problema sério e invisível Síntese de

Leia mais

PESQUISA IBOPE / INSTITUTO AVON

PESQUISA IBOPE / INSTITUTO AVON PESQUISA IBOPE / INSTITUTO AVON PERCEPÇÕES E REAÇÕES DA SOCIEDADE SOBRE A VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER 2009 PARCERIAS INSTITUTO PATRÍCIA GALVÃO Planejamento e supervisão da pesquisa IBOPE INTELIGÊNCIA Campo

Leia mais

Cinco Ponto Cinco. Jornal Eletrônico IMAGEM DO DIA. Assessoria de Imprensa da PMMG Edição 632 5 de Setembro de 2012

Cinco Ponto Cinco. Jornal Eletrônico IMAGEM DO DIA. Assessoria de Imprensa da PMMG Edição 632 5 de Setembro de 2012 Jornal Eletrônico Cinco Ponto Cinco Assessoria de Imprensa da PMMG Edição 632 5 de Setembro de 2012 IMAGEM DO DIA A 4ª Cia PM Ind MAT, em parceria com o Distrito Escoteiro Zona da Mata, arrecadou 2.500

Leia mais

Fique Ligado... Pólo de Prevenção à Violência Doméstica, Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. Família Feliz! Família Feliz!

Fique Ligado... Pólo de Prevenção à Violência Doméstica, Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. Família Feliz! Família Feliz! Fique Ligado... Pólo de Prevenção à Violência Doméstica, e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes O que você acabou de ver são situações que estão presentes em muitas famílias. Estas situações podem

Leia mais

REFLEXÕES SOBRE A VIOLÊNCIA CONTRA O IDOSO. NÚCLEO DE DEFESA DO IDOSO E PESSOA COM DEFICIÊNCIA ALEXANDRE DE OLIVEIRA ALCÂNTARA

REFLEXÕES SOBRE A VIOLÊNCIA CONTRA O IDOSO. NÚCLEO DE DEFESA DO IDOSO E PESSOA COM DEFICIÊNCIA ALEXANDRE DE OLIVEIRA ALCÂNTARA REFLEXÕES SOBRE A VIOLÊNCIA CONTRA O IDOSO. NÚCLEO DE DEFESA DO IDOSO E PESSOA COM DEFICIÊNCIA ALEXANDRE DE OLIVEIRA ALCÂNTARA FORTALEZA, 17 de junho de 2011. VIOLÊNCIA CONTRA O IDOSO PESQUISA: Violência

Leia mais

Prefeito de São Bernardo do Campo: Hoje tem um show no Cedesc, às 18 horas (incompreensível).

Prefeito de São Bernardo do Campo: Hoje tem um show no Cedesc, às 18 horas (incompreensível). , Luiz Inácio Lula da Silva, durante a inauguração da República Terapêutica e do Consultório de Rua para Dependentes Químicos e outras ações relacionadas ao Plano Integrado de Enfrentamento ao Crack São

Leia mais

1. Questionamento: 2. Fundamentos:

1. Questionamento: 2. Fundamentos: 1. Questionamento: Preciso saber em qual dispositivo legal se encaixa o seguinte caso: Um senhor induziu um menor, com 12 anos de idade, a praticar ato sexual com animal (ovelha), porém não há indícios

Leia mais

CRIMES DE TORTURA (9.455/97)

CRIMES DE TORTURA (9.455/97) CRIMES DE TORTURA (9.455/97) TORTURA FÍSICA MENTAL Art. 1º Constitui crime de tortura: I - constranger alguém com emprego de violência ou grave ameaça, causando-lhe sofrimento físico ou mental: a) tortura-persecutória

Leia mais

Cinco mitos que precisam ser quebrados

Cinco mitos que precisam ser quebrados Cinco mitos que precisam ser quebrados Há muitos avanços na luta contra a violência no Brasil. Contudo, ainda vivemos um triste círculo vicioso. Com base em alguns mitos sobre como vencer a violência,

Leia mais

Angola. Liberdade de Expressão JANEIRO DE 2015

Angola. Liberdade de Expressão JANEIRO DE 2015 JANEIRO DE 2015 RESUMO DO PAÍS Angola O presidente José Eduardo dos Santos, no poder há 35 anos, tem enfrentado um crescente número de críticas sobre a corrupção desenfreada, má governança e repressão

Leia mais

A redução da maioridade penal não é a solução

A redução da maioridade penal não é a solução A redução da maioridade penal não é a solução Mandato do Deputado Estadual Marcelo Freixo 2 Redação: Ana Marcela Terra Bruno Villa Sidney Teles Tomás Ramos Edição: Renata Souza Revisão: Bruno Villa Fotos:

Leia mais

RETRATOS DA SOCIEDADE BRASILEIRA: SEGURANÇA PÚBLICA OUTUBRO/2011

RETRATOS DA SOCIEDADE BRASILEIRA: SEGURANÇA PÚBLICA OUTUBRO/2011 RETRATOS DA SOCIEDADE BRASILEIRA: SEGURANÇA PÚBLICA OUTUBRO/2011 PESQUISA CNI-IBOPE CONFEDERAÇÃO NACIONAL DA INDÚSTRIA - CNI Robson Braga de Andrade Presidente Diretoria Executiva - DIREX José Augusto

Leia mais

Campanha de combate e prevenção à Violência Contra a Mulher.

Campanha de combate e prevenção à Violência Contra a Mulher. Campanha de combate e prevenção à Violência Contra a Mulher. Vamos juntos trabalhar em prol da vida! BRASIL É CAMPEÃO DA VIOLÊNCIA DOMÉSTICA NUM RANKING DE 54 PAÍSES fonte: Sociedade Mundial de Vitimologia,

Leia mais

Violência aumenta em cidades turísticas do Rio

Violência aumenta em cidades turísticas do Rio Clipping produzido pelo Instituto de Políticas Públicas de Segurança da Fundação Santo André INSEFUSA 17/04/2006 Violência aumenta em cidades turísticas do Rio Folha de São Paulo, 15 de abril de 2006 -

Leia mais

PROFª CLEIDIVAINE DA S. REZENDE Disc. Sociologia / 1ª Série

PROFª CLEIDIVAINE DA S. REZENDE Disc. Sociologia / 1ª Série PROFª CLEIDIVAINE DA S. REZENDE Disc. Sociologia / 1ª Série 1 - DEFINIÇÃO Direitos e deveres civis, sociais e políticos usufruir dos direitos e o cumprimento das obrigações constituem-se no exercício da

Leia mais

Espelho da 2ª Redação_ Simulado Policia Federal_30.11.13. Delimitação do tema.

Espelho da 2ª Redação_ Simulado Policia Federal_30.11.13. Delimitação do tema. Espelho da 2ª Redação_ Simulado Policia Federal_30.11.13 Um policial federal, ao executar a fiscalização em um ônibus interestadual procedente da fronteira do Paraguai, visando coibir o contrabando de

Leia mais

Crime cibernético não é sinônimo de impunidade

Crime cibernético não é sinônimo de impunidade Crime cibernético não é sinônimo de impunidade Muitos imaginam que violência signifique unicamente agressão física contra outras pessoas, mas se esquecem que pode ser produzida de forma diferente. Um exemplo

Leia mais

As prostitutas de BH perguntam: e a gente, como fica?

As prostitutas de BH perguntam: e a gente, como fica? As prostitutas de BH perguntam: e a gente, como fica? Categories : Copa Pública Date : 18 de setembro de 2012 Maria Aparecida Menezes Vieira, a Cida, de 46 anos, há mais de 20 anos faz ponto na rua Afonso

Leia mais

Observação: De acordo com o art.2º da Lei 8.069/90 Estatuto da Criança e Adolescente :

Observação: De acordo com o art.2º da Lei 8.069/90 Estatuto da Criança e Adolescente : TRABALHO É toda atividade humana, remunerada ou não, sistemática, obrigatória, que pode ou não exigir conhecimentos específicos sobre determinado tema, arte ou ofício, cujo objetivo é o alcance de uma

Leia mais

ABUSO E EXPLORAÇÃO SEXUAL DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES. Marcas para a vida toda

ABUSO E EXPLORAÇÃO SEXUAL DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES. Marcas para a vida toda ABUSO E EXPLORAÇÃO SEXUAL DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES Marcas para a vida toda Ministério Público Federal Procuradoria da República em Mato Grosso do Sul Assessoria de Comunicação Social Texto: Danilce Vanessa

Leia mais

COMISSÃO DE SEGURIDADE SOCIAL E FAMÍLIA

COMISSÃO DE SEGURIDADE SOCIAL E FAMÍLIA COMISSÃO DE SEGURIDADE SOCIAL E FAMÍLIA PROJETO DE LEI Nº 5.269, DE 2001 (Apensos os Pls. 2.134/96, 2.415/96, 3.046/97, 3.422/97, 4.052/98, 4.360/98, 1.568/99, 2.029/99, 2.089/99, 2.507/00, 3.573/00, 3.235/00,

Leia mais

MATO GROSSO: MUITO ALÉM DO DEVER FUNCIONAL

MATO GROSSO: MUITO ALÉM DO DEVER FUNCIONAL MATO GROSSO: MUITO ALÉM DO DEVER FUNCIONAL Cuiabá-MT teve a primeira Promotoria de Justiça a aplicar a Lei Maria da Penha no Brasil, iniciando seus trabalhos no dia 22/09/2006, dia em que a Lei Maria da

Leia mais

5 ADOLESCÊNCIA. 5.1. Passagem da Infância Para a Adolescência

5 ADOLESCÊNCIA. 5.1. Passagem da Infância Para a Adolescência 43 5 ADOLESCÊNCIA O termo adolescência, tão utilizado pelas classes médias e altas, não costumam fazer parte do vocabulário das mulheres entrevistadas. Seu emprego ocorre mais entre aquelas que por trabalhar

Leia mais

coleção Conversas #26 Respostas para algumas perguntas que podem estar passando pela sua cabeça.

coleção Conversas #26 Respostas para algumas perguntas que podem estar passando pela sua cabeça. Saí da prisão volto coleção Conversas #26 - setembro 2015 - e estou ou não desempregado, para o crime? Respostas para algumas perguntas que podem estar passando pela sua cabeça. A Coleção CONVERSAS, da

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº, DE 2015 (Da Sra. Soraya Santos)

PROJETO DE LEI Nº, DE 2015 (Da Sra. Soraya Santos) CÂMARA DOS DEPUTADOS PROJETO DE LEI Nº, DE 2015 (Da Sra. Soraya Santos) Torna mais rigorosa a punição dos crimes contra a honra cometidos mediantes disponibilização de conteúdo na internet ou que ensejarem

Leia mais

CONSELHO SUPERIOR DA DEFENSORIA PÚBLICA RESOLUÇÃO CSDPE Nº 016/2013

CONSELHO SUPERIOR DA DEFENSORIA PÚBLICA RESOLUÇÃO CSDPE Nº 016/2013 CONSELHO SUPERIOR DA DEFENSORIA PÚBLICA RESOLUÇÃO CSDPE Nº 016/2013 Dispõe sobre as atribuições da Coordenação de Atendimento ao Preso Provisório da Defensoria Pública da Capital e dá outras providências.

Leia mais

CASOTECA DIREITO GV PRODUÇÃO DE CASOS 2011

CASOTECA DIREITO GV PRODUÇÃO DE CASOS 2011 CASOTECA DIREITO GV PRODUÇÃO DE CASOS 2011 CASOTECA DIREITO GV Caso do Campo de Algodão: Direitos Humanos, Desenvolvimento, Violência e Gênero ANEXO I: DISPOSITIVOS RELEVANTES DOS INSTRUMENTOS INTERNACIONAIS

Leia mais

TERMO DE INTEGRAÇÃO OPERACIONAL PARA INSTITUIR O FÓRUM PERMANENTE DE PREVENÇÃO À VENDA E AO CONSUMO DE BEBIDAS ALCOÓLICAS POR CRIANÇAS E ADOLESCENTES

TERMO DE INTEGRAÇÃO OPERACIONAL PARA INSTITUIR O FÓRUM PERMANENTE DE PREVENÇÃO À VENDA E AO CONSUMO DE BEBIDAS ALCOÓLICAS POR CRIANÇAS E ADOLESCENTES TERMO DE INTEGRAÇÃO OPERACIONAL PARA INSTITUIR O FÓRUM PERMANENTE DE PREVENÇÃO À VENDA E AO CONSUMO DE BEBIDAS ALCOÓLICAS POR CRIANÇAS E ADOLESCENTES CONSIDERANDO que o art. 227 da Constituição da República

Leia mais

Curso de Direito Atividades de aprofundamento acadêmico nº 04 2S2015

Curso de Direito Atividades de aprofundamento acadêmico nº 04 2S2015 Curso de Direito Atividades de aprofundamento acadêmico nº 04 2S2015 Professor responsável: Ricardo Lorenzi Pupin Aluno: Semestre/turma: Disciplina: Geral Tema da atividade: Arrastões nas praias do Rio

Leia mais

SUGESTÕES DE COMO ABORDAR NAS EMPRESAS O TEMA DO ENFRENTAMENTO DA EXPLORAÇÃO SEXUAL CONTRA CRIANÇAS E ADOLESCENTES

SUGESTÕES DE COMO ABORDAR NAS EMPRESAS O TEMA DO ENFRENTAMENTO DA EXPLORAÇÃO SEXUAL CONTRA CRIANÇAS E ADOLESCENTES SUGESTÕES DE COMO ABORDAR NAS EMPRESAS O TEMA DO ENFRENTAMENTO DA EXPLORAÇÃO SEXUAL CONTRA CRIANÇAS E ADOLESCENTES PRESIDENTA DA REPÚBLICA Dilma Vana Rousseff MINISTRA DE ESTADO CHEFE DA SECRETARIA DE

Leia mais

PLANO MUNICIPAL DE ENFRENTAMENTO A VIOLÊNCIA SEXUAL CONTRA A CRIANÇA E O ADOLESCENTE

PLANO MUNICIPAL DE ENFRENTAMENTO A VIOLÊNCIA SEXUAL CONTRA A CRIANÇA E O ADOLESCENTE PLANO MUNICIPAL DE ENFRENTAMENTO A VIOLÊNCIA SEXUAL CONTRA A CRIANÇA E O ADOLESCENTE APRESENTAÇÃO: A violência sexual contra a criança e o adolescente tem sido um problema de difícil enfrentamento por

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA FEDERAL DOS DIREITOS DO CIDADÃO 55. Planejamento Estratégico

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA FEDERAL DOS DIREITOS DO CIDADÃO 55. Planejamento Estratégico PROCURADORIA FEDERAL DOS DIREITOS DO CIDADÃO 55 Planejamento Estratégico Criança e Adolescente 2010 PROCURADORIA FEDERAL DOS DIREITOS DO CIDADÃO 56 INTRODUÇÃO Tema: Criança e Adolescente A questão da infância

Leia mais

Após manifestações, 15 pessoas continuam presas em Belo Horizonte

Após manifestações, 15 pessoas continuam presas em Belo Horizonte Após manifestações, 15 pessoas continuam presas em Belo Horizonte Dos 56 detidos, 11 são adolescentes; 30 foram ouvidos e liberados. Manifestantes e polícia se enfrentaram em dois momentos neste sábado.

Leia mais

Expert Consultation on Prevention of and Responses to Violence against Young Children Lima, 27 28 August 2012

Expert Consultation on Prevention of and Responses to Violence against Young Children Lima, 27 28 August 2012 Expert Consultation on Prevention of and Responses to Violence against Young Children Lima, 27 28 August 2012 JANDIRA FEGHALI (Deputada Federal/Brasil) Temas: Trabalhando com autoridades e parlamentares

Leia mais

Campanha de Prevenção à Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes Cartilha Educativa

Campanha de Prevenção à Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes Cartilha Educativa Um país que quer ser grande tem que proteger quem não terminou de crescer. Campanha de Prevenção à Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes Cartilha ducativa PRSIDNT DA RPÚBLICA Luiz Inácio Lula

Leia mais

BRASIL. (tradução não oficial para o português)

BRASIL. (tradução não oficial para o português) Distr. GERAL CCPR/C/BRA/CO/2 2 de Novembro 2005 Original: Inglês Comitê de Direitos Humanos 85ª Sessão CONSIDERAÇÃO DE RELATÓRIOS ENVIADOS POR ESTADOS PARTES SOB O ARTIGO 40 DO PACTO Observações finais

Leia mais

ALIENAÇÃO PARENTAL E SUAS CONSEQUÊNCIAS

ALIENAÇÃO PARENTAL E SUAS CONSEQUÊNCIAS ALIENAÇÃO PARENTAL E SUAS CONSEQUÊNCIAS Maria Berenice Dias www.mbdias.com.br www.mariaberenice.com.br www.direitohomoafetivo.com.br Grande parte das separações produz efeitos traumáticos que vêm acompanhados

Leia mais

Violência Doméstica e Familiar Contra à Mulher

Violência Doméstica e Familiar Contra à Mulher Violência Doméstica e Familiar Contra à Mulher 1 Relações de gênero: são relações de poder que criam desigualdades, subordinações, posições e valores diferenciados para mulheres e homens. Tais relações

Leia mais

Formulário de Visita Técnica à Delegacia de Polícia Estadual

Formulário de Visita Técnica à Delegacia de Polícia Estadual Formulário de Visita Técnica à Delegacia de Polícia Estadual Resolução CNMP Nº 20 de 28/05/2007 Dados da Entidade Visitada Nome: CPF ou CNPJ:: Endereço: Município: UF: Telefones c/ddd: Seção I Identificação

Leia mais

CÂMARA DOS DEPUTADOS Comissão de Fiscalização Financeira e Controle CFFC

CÂMARA DOS DEPUTADOS Comissão de Fiscalização Financeira e Controle CFFC REQUERIMENTO Nº, DE 2013 (do Sr. Fernando Francishcini) Requer que seja convocado o Sr. Manoel Dias, Ministro de Estado do Trabalho e Emprego para expor acerca dos últimos acontecimentos naquele Ministério,

Leia mais

LEI DE TORTURA Lei n. 9.455/97

LEI DE TORTURA Lei n. 9.455/97 LEI DE TORTURA Lei n. 9.455/97 DUDH Artigo 5º Ninguém será submetido à tortura, nem a tratamento ou castigo cruel, desumano ou degradante. ART. 5º DA CF Inciso III Ninguém será submetido à tortura nem

Leia mais

O Conselho Tutelar e a fiscalização de bailes, boates e congêneres:

O Conselho Tutelar e a fiscalização de bailes, boates e congêneres: O Conselho Tutelar e a fiscalização de bailes, boates e congêneres: Murillo José Digiácomo 1 Uma questão que sempre surge quando se discute o papel do Conselho Tutelar no Sistema de Garantias idealizado

Leia mais

Breve Cronologia das Ações

Breve Cronologia das Ações A ECPAT nasce como campanha de mobilização contra o turismo sexual nos países asiáticos e, a partir de 1995, torna-se referência mundial no combate à exploração sexual comercial, à pornografia e ao tráfico

Leia mais

RECOMENDAÇÃO MINISTERIAL Nº 002/2015

RECOMENDAÇÃO MINISTERIAL Nº 002/2015 Procedimento administrativo nº 201400036940 RECOMENDAÇÃO MINISTERIAL Nº 002/2015 Objeto: Dispõe sobre o dever de atuação de diversas autoridades públicas, durante a Romaria Nossa Senhora d'abadia do Muquém

Leia mais

Utilização das redes sociais e suas repercussões

Utilização das redes sociais e suas repercussões Utilização das redes sociais e suas repercussões O papel da escola : @ Orientação aos professores, alunos e pais @ Acompanhamento de situações que repercutem na escola @ Atendimento e orientação a pais

Leia mais