EVOLUÇÃO DA COMPUTAÇÃO EM NUVEM

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "EVOLUÇÃO DA COMPUTAÇÃO EM NUVEM"

Transcrição

1 FACULDADE PITÁGORAS DE UBERLÂNDIA GESTÃO EM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DIVINO JOSÉ DE MIRANDA EVOLUÇÃO DA COMPUTAÇÃO EM NUVEM UBERLÂNDIA MG, 07/2011 DIVINO JOSÉ DE MIRANDA

2 EVOLUÇÃO DA COMPUTAÇÃO EM NUVEM Trabalho de Conclusão do Curso, apresentado para habilitação no curso de gestão de tecnologia da informação. Faculdade Pitágoras de Uberlândia Uberlândia, PITÁGORAS. Orientador: Prof. Esp. Márcio Moreira UBERLÂNDIA MG, 07/2011

3 RESUMO: O trabalho tem o objetivo de entender a computação em nuvem e avaliar os benefícios dela para as empresas e a sociedade. O artigo apresenta a evolução da computação em nuvem, avalia os impactos e os custos dela para as empresas e para a sociedade, além de como ela pode ser oferecida como serviços. O artigo encerra-se concluindo que a computação em nuvem é uma oportunidade de negócios para as empresas prestadoras de serviços e para os possíveis clientes dela, pois o custo de fornecimento da computação em nuvem tende a ser menor que o custo de terceirização ou aquisição de infraestrutura própria. Palavras-chave: Computação em nuvem, datacenter, serviços. ABSTRACT: This paper aims to understand the cloud computing and evaluate the benefits of it for business and society. The article presents the evolution of cloud computing, evaluates the impacts and costs for business and society, and how it can be offered as services. The text ends up concluding that the cloud computing is a business opportunity for service providers and potential customers, it because the cost of delivery of cloud computing tends to be less than the cost of outsourcing or acquisition of infrastructure itself. Keywords: Cloud computing, datacenter, services.

4 1. Introdução Na era atual, os sistemas integrados de informação são o fio condutor para a criação de modelos cada vez mais eficientes em informação e ao mesmo tempo em que possam interagir entre si, ligando grandes e pequenas empresas aos centros comerciais mais importantes e às suas próprias informações em menor tempo, minorando problemas, custos e agilizando o serviço de colaboradores ligados aos sistemas das empresas que necessitam das informações para realizar suas atividades. Assim ao falar em computação em nuvem, é preciso lembrar que os datacenters vieram sanar algumas dificuldades da computação em nuvem, ao guardar informações descarregadas dos vários dispositivos existentes, e são eles que permitiram que ela ocorresse sem grandes dificuldades, facilitaram sua recuperação, bastando para isso apenas um clique. De forma integrada aos diversos setores sociais, os Datacenters são centros destinados exclusivamente para operações complexas responsáveis em manter tudo funcionando como softwares que são executados em hosts principalmente utilizando tecnologia em nuvem e favoreceram em muito os conceitos que temos atualmente sobre a utilização da computação em nuvem. A tecnologia dos datacenters evoluiu muito e continua evoluindo à medida que esse segmento de tecnologia é absorvido pela grande massa populacional. Nesse sentido, o que torna o meio da informação funcionando, principalmente no caso da computação em nuvem é a moderna tecnologia que vem mudando a cada ano, trazendo o compartilhamento de informações cada vez mais comum (VAQUERO et al., 2009). Baseado em Dikaiakos et al. 2009, podemos dizer que, com a dinâmica dos mercados, e a questão das grandes corporações necessitarem cada vez mais de mecanismos de armazenamento e gerenciamento que protejam, e até permitam um acesso mais rápido e preciso às suas informações, mas que garantam também que haja segurança e viabilidade em todo o processo, isto

5 torna a computação em nuvem o meio mais seguro de processar as informações. Pensar em hosts (servidores) como sustentação de dados na atualidade torna-se um desafio ainda maior quando percebemos a quantidade de informação envolvida em todo o trabalho das empresas e que necessitam cada vez mais de espaço em seu sistema organizacional, empreendendo ao datacenter a função mais importante para o sucesso do sistema. O propósito deste trabalho é esclarecer o que é a computação em nuvem, mostrar a evolução dela e avaliar os possíveis benefícios que ela pode proporcionar às empresas, especialmente na questão de custo de processamento. O trabalho começa apresentando a história da computação em nuvem, depois apresenta os impactos dela para a sociedade atual, descreve como ela pode racionalizar os espaços em datacenters, as alternativas de serviços que ela oferece, avalia as alternativas de custos entre a computação própria versus a computação em nuvem. Para Moram (2009) o propósito da computação é amplo: [...] A digitalização permite registrar, editar, combinar, manipular toda e qualquer informação, por qualquer meio, em qualquer lugar, a qualquer tempo. A digitalização traz a multiplicação de possibilidades de escolha, de interação. A mobilidade e a virtualização nos libertam dos espaços e tempos rígidos, previsíveis, determinados. O mundo físico se reproduz em plataformas digitais e todos os serviços começam a poder ser realizados física ou virtualmente. Podemos pagar contas numa agência de banco ou na Internet, fazer compras numa loja ou através de lojas virtuais. 2. O surgimento da computação em nuvem A computação em nuvem surgiu da necessidade de trazer às empresas uma solução mais viável e possível, com menores custos, acesso rápido, e menor tempo para a realização de suas tarefas. Como meio de acesso às informações, pode-se dizer através de pesquisas realizadas por diversos profissionais da área que, além de ser seguro, é o meio que permite um maior rendimento em qualidade de acessos, em informações guardadas e usabilidade em todos os seguimentos sociais (MOHAMED, 2009). Com a velocidade da tecnologia no campo da eletrônica e a utilização da descoberta do silício como meio de solucionar problemas de ordem básica na

6 construção dos componentes, bem como a diminuição destes possibilitaram um aumento da capacidade de processamento dos circuitos integrados. Hoje dispomos dos mais variados hosts que utilizam essa tecnologia com acesso a Internet, e como meio de inteligência para alimentar suas memorias, nesse caso esses hosts ganham notoriedade por baixar custos de manutenção e operação no mundo corporativo e home office (escritório em casa) (MOHAMED, 2009). Programas usados na computação em nuvem não precisam estar instalados em máquinas locais, podem ser acessados via Internet em qualquer parte da rede mundial. Esses aplicativos permitem que se possa executar tanto on-line (conectado diretamente ao equipamento central) como off-line (armazenados em máquinas locais quando a Internet estiver indisponível, e sincronizado com host quando essa comunicação se restabelecer). Pode-se pensar nas facilidades que computação em nuvem fornece em matéria de mobilidade e acesso, podendo o usuário em qualquer lugar do mundo editar seus documentos, apresentações e planilhas ganhando tempo, rapidez, isso sem ter que instalar nenhum aplicativo na máquina em uso, tendo seus dados armazenados em um host que pode estar a quilômetros do local que está consumindo o serviço, viabilizando processos que até então eram tidos como impossíveis. A velocidade do link com a Internet nos propicia esse armazenamento como o resgate da informação a qualquer momento (VAQUERO, 2009). Com o avanço da computação em nuvem o uso de datacenters espalhados no mundo e com poderosos hardwares tornou-se necessário, essa comunicação então se torna imperceptível ao usuário da rede, que não percebe quando faz uso do serviço. O usuário final dessa tecnologia, não percebe a importância do local que guarda os seus dados gerados, neste caso, o usuário final não precisa se preocupar com manutenção, pois backups são executados pelos datacenters e são fornecidos através dos serviços contratados (DIKAIAKOS et al., 2009). Assim tem-se um sistema que evoluiu graças ao desenvolvimento de novas tecnologias e da necessidade cada vez mais frequente dos usuários que exigiam cada vez mais mobilidade e flexibilidade em seu meio de trabalho.

7 Abaixo temos um esquema de uma rede de computação em nuvem que mostra hosts interligados e suas diversas aplicações. Figura 1: Representação esquemática de computação em nuvem Por meio das novas tecnologias alcançamos a evolução em comunicação, as redes sociais tornaram o trabalho das empresas mais eficiente e envolvido em alcançar esse consumidor diferenciado (MORAM, 2008), o qual deseja antes de tudo, qualidade nos produtos, facilidade nos processos que envolvem seu trabalho, e nesse sentido a informação compartilhada e armazenada em datacenters é um produto de uso coletivo que veio minorar custos, melhorar a integração entre as redes de informação, encurtar distâncias entre empresa e consumidor, e minimizar o tempo gasto com atividades promocionais voltadas principalmente para captar esse consumidor. 3. A evolução da computação em nuvem até a sociedade atual Muitas empresas construíram seu patrimônio utilizando-se da computação em nuvem como fator determinante em seu negócio (VAQUERO, 2009). Assim, é relevante entender, que o mercado atual exige qualidade total. Nesse campo muitas empresas exigem além da redução no tempo gasto para execução do trabalho, que este gere também menos custos, o que viabiliza vários tipos de serviços ampliando o seu alcance a diferentes tipos de clientes, assim ao

8 ampliar conceitos que colaboram para que o trabalho executado realmente seja eficiente, podemos dizer que na recuperação de dados todos ganham: a organização que necessita do trabalho e as empresas ligadas aos datacenters que mobilizam uma cadeia produtiva. Ao viabilizar processos mais eficientes em matéria de informação, várias empresas foram criadas e investiram pesado para poder garantir de fato sua qualificação nesta nova modalidade da informática. A primeira empresa a lançar uma plataforma, seguindo a tendência da computação em nuvem foi a Amazon, seguida pelas populares: IBM, INTEL, GOOGLE, o APP ENGINE e MICROSOFT, que em 2009, disponibilizou o Windows Azure (NETO & FREITAS, 2010). Estas empresas ao viabilizar sistemas que concedem maior usabilidade e compartilhamento de informações, permitiram e consagraram uma rápida expansão dos processos de negócios, visto que estes oferecem ao usuário facilidade ao acessar de maneira rápida e efetiva todos os dados que necessita para realizar seu trabalho, mesmo a quilômetros de distância. Perceber que a sociedade atual desenvolveu-se em torno da utilização das redes de informação, fez com que as empresas do setor evoluíssem em conceitos técnicos de eficiência, tanto que hoje se pode dizer que cresceram e geraram seus recursos financeiros através da criação de novos mercados consumidores e a aposta em meios rápidos de informação para suprir a demanda (MORAM, 2008). A evolução do sistema de computação ocorreu pela grande demanda por redes de informação que contemplassem às necessidades estruturais da sociedade envolvida em sistemas operacionais cada vez mais complexos, exigindo que as informações fossem armazenadas em espaços cada vez mais extensos, onde houvesse uma estrutura possível de recuperá-los, e no momento em que se necessitasse de sua utilização (MOHAMED, 2009). Pode-se dizer também que a evolução no sistema de computação em nuvem, veio também da necessidade cada vez mais frequente da sociedade de um sistema que integrasse de maneira eficiente, tanto o armazenamento, como a recuperação de

9 dados, visto que para realizar diversos tipos de serviços atualmente, é preciso uma gama cada vez maior de informação. Neto e Freitas, 2010, fazem referência à evolução da computação nos últimos 40 anos como um recurso necessário que veio desencadeado principalmente pelo uso de mainframes, os quais distribuíam suas informações através de redes internas de processamento, passando para aplicações desktops, em que são compartilhadas a mesma base de dados. Com a evolução e segundo os mesmos autores as aplicações passaram a ser acessadas via browser, disponibilizadas localmente pelas empresas e assim chegarmos ao cenário atual que nos permitiu armazenar informações em servidores públicos, viabilizando os processos com o menor custo possível. Nesse sentido é essencial pensarmos que na atual situação da computação em nuvem como se desenvolveu da evolução das redes de informação para realizar com eficiência todos os processos criou sistemas interligados cada vez mais desenvolvidos, estes sistemas vieram funcionar de maneira a propiciar ao usuário garantia de que suas informações estarão acessíveis conforme sua necessidade, além de que, grandes e pequenas empresas tenham liberdade conforme o desenvolvimento do trabalho necessite recuperar ou armazenar suas informações. Pode-se dizer que no passado os sistemas de informação e recuperação de dados não possuíam recursos significativos que permitissem uma ampliação e desenvolvimento de um trabalho mais qualitativo, o que onerava o serviço, tornava-o menos qualitativo e mais arriscado no sentido de ter informações essenciais sem uma proteção eficiente que garantissem de fato sua segurança (MOHAMED, 2009). A informação no sentido mais amplo é o meio pelo qual o mundo está interligado, gerando serviços coligados em diversas áreas, conforme a demanda de mercado exige, e para tanto a computação em nuvem permite essa ampliação sem que haja prejuízo para nenhuma das partes. É grande o interesse por esse sistema integrado que faz da sociedade geral sua grande consumidora, gerando e armazenando a informação de forma tão eficiente, tão qualitativa, que mesmo

10 utilizando de fontes tão diversas de recuperação de dados, essa sociedade não percebe o seu uso, por este não comprometer de maneira alguma o uso dessas informações e permitir liberdade ao usuário conforme sua necessidade. Nesse sentido percebemos que o futuro da recuperação de dados nos remete ao uso de instalações que tornem cada vez mais eficientes o armazenamento das informações e sua recuperação, portanto estar atento ao que o mercado espera no uso das informações, ampliando sua utilização, e ainda permitir que o usuário tenha liberdade no uso é a grande novidade da computação em nuvem (ARMBRUST et al., 2009). A grande cartada da computação em nuvem foi à evolução e a utilização do datacenter como meio de concentrar a maior parte da informação e permitir, tanto a flexibilização, como o uso em larga escala pelas empresas interessadas em seus benefícios, este analisado no sentido que a informação fica disponível para recuperação, conforme o trabalho executado necessite dessa informação para concretizar o que foi iniciado, favorece a empresa, aumentado o ganho de tempo e melhora também no aspecto financeiro (MOHAMED, 2009). 4. A importância dos datacenters na computação em nuvem Conforme a evolução dos datacenters foi necessária a adequação de hardwares para melhor aproveitamento dos espaços físicos (MOHAMED, 2009). A partir das convenções estabelecidas através dos órgãos certificadores voltados para conexão e a segurança da informação são necessários filtros de segurança contra invasões de terceiros. Com racionalização de hardwares é possível economizar espaços no ambiente físico, essa é sem dúvida uma das vantagens da computação em nuvem, a empresa diminui a preocupação com hardwares instalados enxugando o número de cabos, causando boa impressão no ambiente. Com tantos hosts facilitando a vida das pessoas, em casa, no trabalho e lazer, podemos dizer que estamos rodeados de tecnologia para nos auxiliar, elevando nossa satisfação em criar, produzir e atualizar nossas informações, criando novos conceitos. Termos antes desconhecidos como computação em nuvem, hosts, datacenters, os quais eram até bem pouco tempo utilizados apenas

11 por profissionais da área de informática, e hoje disponíveis em redes sociais e empresariais, nos mostram que estamos rodeados de informação que se bem administrada pode trazer benefícios importantes para as diversas áreas do conhecimento. Isto mostra como os datacenters se tornaram uma parte essencial de todo o processo de computação em nuvem, pois nesse caso são eles que favorecem a funcionalidade e acessibilidade de todo o serviço de informação. Segundo Sun (2008) mostra a consolidação e racionalização das mídias usadas no DATACENTERS para melhor aproveitamento no seu desempenho. Conforme os volumes de dados crescem, as organizações de TI adicionam sistemas de armazenamento e novos tipos de mídia para suportar as altas cargas de informação e melhorar o desempenho, resultando em uma enorme e complexa rede de sistemas que consomem valioso espaço do datacenter que geram uma demanda excessiva de energia e refrigeração, e são caros e difíceis de gerenciar. Para maximizar a eficiência, as empresas devem associar o armazenamento entre os de alto custo e utilização ineficiente de energia e os de menor custo, eficiência energética e sistemas de arquivo de mídia para melhor gerenciar essa demanda. Além disso, muitos sistemas de fita são incapazes de fornecer suporte para mídia mista, particionamento, ou compartilhamento de biblioteca, tornando difícil para os datacenters medir e compartilhar hardware e software em um esforço para alavancar os recursos existentes e reduzir os custos operacionais. Com a correta tecnologia de mídia de armazenamento, as empresas podem consolidar vários sistemas menores em soluções maiores - ou sistemas grandes em poucos com soluções de alta densidade - e armazenar mais dados em menos custo. 5. Influência da computação em nuvem nos serviços Uma publicação da Sun (2009) sobre Cloud Computing mostra uma lista dos serviços mais importantes da computação em nuvem e as funções exercidas por eles em empresas de grande repercussão mundial. Abaixo a lista da Sun Cloud Computing sobre esses serviços, suas definições e as empresas que mais empregam a utilização desses serviços.

12 1. Software como um serviço (SaaS): O SaaS está na mais alta camada da prestação de serviços de TI (Tecnologia da Informação). Uma aplicação completa é oferecida como um serviço, sob demanda, via de locação, para vários clientes mantendo o isolamento das informações de cada cliente. O provedor do serviço tem um software na sua infraestrutura e oferece multiplas instancias dele, uma para cada cliente. O exemplo mais conhecido de SaaS é a Salesforce.com, mas existem agora muitas outras, incluindo a Google Apps, oferecendo os serviços básicos de negócios tais como o . Certamente, muitos investidores da Salesforce.com entenderam as definições da computação em nuvem há alguns anos. Por outro lado, como muitos outros desenvolvedores em computação em nuvem, a Salesforce.com agora opera em mais uma camada de nuvem, com o lançamento do Force.com, um aplicativo auxiliador no ambiente de desenvolvimento, ou seja, uma plataforma como um serviço. 2. Plataforma como serviço (PaaS): A PaaS é camada intermediária dos serviços de TI, que oferece um encapsulamento de uma abstração de um ambiente de desenvolvimento e das embalagens de uma carga de serviços. A carga arquetípica é uma imagem Xen (parte da Amazon Web Services), contendo uma grande quantidade de infra Web básica (por exemplo, uma distribuição de Linux, um servidor da Web, e um ambiente de programação, como Pearl ou Ruby). A PaaS oferece e pode proporcionar para todas as fases de desenvolvimento e teste de software, ou eles podem ser especializados em torno de uma determinada área, tais como o gerenciamento de conteúdos. Exemplos comerciais de PaaS incluem a Gloogle App Engine, que serve como infraestrutura de aplicações do Google. Os serviços PaaS como estes podem fornecer uma grande flexibilidade, mas podem ser limitados pelas capacidades oferecidas pelo provedor.

13 3. Infraestrutura como serviço (IaaS): A IaaS está na camada mais baixa dos serviços de TI e é um meio do fornecimento de armazenagem e computação básica como serviços normalizados pela rede. Servidores, sistema de armazenagem, switches, roteadores e outros sistemas são reunidos (através da tecnologia de virtualização, por exemplo) para lidar com tipos específicos de cargas de trabalho, a partir do processamento em lote para servidor ou armazenamento com aumento durante as cargas de pico. O exemplo comercial mais conhecido é a Amazon Web Services, que oferece serviços como EC2 (computação básica) e S3 (serviços de armazenamento). Outro exemplo é a Joyent, cujo principal produto é uma linha de servidores virtualizados que fornecem uma grande escala de infraestrutura por demanda para a execução de sites, incluindo ricas aplicações na Web escritas em Ruby, Rails, PHP, Python e Java. Outra publicação mostra os atributos para definir um trabalho em nuvem, e quais são os mais adequados a cada necessidade seja empresarial ou não. A Redação CIO (2009), uma publicação da Computerword, referente a um trabalho de consultoria da Gartner Group, indica em seu artigo cinco atributos que definem os serviços de computação em nuvem que irão colaborar na decisão das empresas, são modelos que podem se adequar melhor às necessidades dos clientes: 1. Baseado em serviço: Na computação em nuvem os serviços podem ser considerados sob medida, uma vez que são designados para atender a necessidades específicas de um cliente ou de um grupo de clientes. As tecnologias, por sua vez, são escolhidas para suprir a solução ou o serviço em vez do contrário (o serviço ser desenvolvido de acordo com a infraestrutura tecnológica disponível).

14 2. Escalável e elástico: O serviço pode ter capacidade escalar de acordo com as demandas do cliente. Já a elasticidade é um pressuposto para o caso dos ambientes em que existem recursos compartilhados de TI. No caso da escala, ela é um requisito ligado à infraestrutura e ao software. Enquanto a elasticidade está associada não só à escala, mas também com modelos econômicos. 3. Compartilhado: A criação de grupos que compartilham serviços facilita a economia de escala. E os recursos de TI são usados com o máximo de eficiência. A infraestrutura, software ou plataformas passam a ser divididos entre os vários usuários dos serviços. Isso permite fornecer um número infinito de recursos para atender as necessidades de múltiplos clientes, ao mesmo tempo. 4. Medido por uso: Esse modelo de serviços possibilita criar métricas que permitam diferentes modelos de pagamento. O provedor pode cobrar pelo uso, por número de usuários, criar planos limitados, entre outros. Mas, em todos os casos, o pagamento vai ser feito pelo uso do serviço e não de acordo com o custo do equipamento. 5. Baseado no uso da Internet: Os serviços são oferecidos por meio de protocolos e formatos web (como URLs, HTTP e IP). Observa-se que há características importantes que devem ser levadas em conta quando se indica um serviço em nuvem, principalmente em relação aos investimentos que tragam retorno rápido e proporcionem comodidade ao cliente. 6. Custos de Investimentos Os custos com implantação de datacenters pode ficar inconcebível para algumas empresas, pois os equipamentos sofrem depreciação muito rápida

15 conforme a evolução da tecnologia, os serviços em nuvem podem ajudar tanto as empresas de pequeno e grande porte. Reese (2008) fundador das empresas enstratus Networks LLC e Valtira LLC, revela que, normalmente, quando uma empresa quer fazer crescer sua infraestrutura de TI ( tecnololia da informação), tem duas opções: Construí-lo em casa e possuir ou arrendar o equipamento. Terceirizar a infraestrutura para um provedor de serviços gerenciados. Em ambos os cenários, a empresa deve adquirir a infraestrutura para suportar picos de utilização, independentemente do uso do sistema normal. Para Reese (2008) a TI interna de uma empresa tem que manter o serviço operante o ano todo, sendo que para o serviço terceirizado a empresa necessitaria apenas de 1 hora ao longo desse mesmo ano para realizar o serviço, o que economizaria o investimento para o resto do ano. abaixo: As opções de investimento podem parecer como mostrado na Figura 2 Informações TI Interna Serviço Terceirizado Nuvem (U$) (U$) (U$) Investimento de capital $40,000 $0 $0 Custos de Implantação $10,000 $5,000 $1,000 Serviços Mensais $0 $4,000 $2,400 Trabalhos Mensais $3,200 $0 $1,000 Custos após três anos $149,000 $129,000 $106,000 Figura 2: Investimentos na TI interna, Terceirizados e Em Nuvem. Fonte Reese Pelo estudo apresentado acima, conclui-se que os recursos investidos na TI interna tém um custo acima dos serviços terceirizados, sendo que o retorno do investimento do serviço terceirizado ao longo das operações se tornam viáveis, pois a empresa utiliza toda infraestrutura oferecida pelo serviço terceirizado.

16 Reese (2008) em sua pesquisa, conclui que o investimento para serviços gerenciados é um bom argumento para solução encontrada. Para este cálculo, Reese descreve como exemplo, um servidor de sistemas com uma boa quantidade de memória RAM e outro servidor bom balanceador de carga. O custo de 3 anos, assume um custo de 10% do capital investido. É uma boa relação custo-benefício que o fornecedor de serviços sugere. A maioria dos grandes fornecedores de TI serão pelo menos três vezes mais caros do que os números aqui fornecidos. Sob este cenário, os serviços gerenciados poupam 13,5% do serviço total aplicado pela TI interna. O que torna viável os serviços gerenciados, no entanto, a computação em nuvem obtém uma grande vantagem nos investimentos comparados com os serviços terceirizados conforme mostrado na Figura Conclusão O trabalho apresentou o que é a computação em nuvem, inclusive discute as alternativas de oferecimento dela como serviços, através do entendimento dos conceitos por trás do termo, da evolução histórica e da avaliação comparativa de custos dela versus a computação própria. Com os estudos feitos pode-se concluir que a computação em nuvem tende a ser mais econômica do que a aquisição de toda a infraestrutura necessária para prover a computação própria e até mesmo mais barata do que a terceirização desta infraestrutura. Também se pode concluir que a computação em nuvem é uma oportunidade de negócio não só para os possíveis clientes dela, mas como também para as empresas que resolverem prover este tipo de serviço. No futuro da computação em nuvem baseado nas pesquisas realizadas a

17 tendência mundial é a ampliação dos recursos tecnológicos, tornando-a cada vez mais eficiente nos serviços oferecidos. 8. Referências ARMBRUST, M.; FOX, A.; GRIFFITH, R.; JOSEPH, A. D.; KATZ, R.; KONWINSKI, A.; LEE, G.; PATTERSON, D.; RABKIN, A.; STOICA, I.; ZAHARIA, M. Above the Clouds: A Berkeley View of Cloud Computing. EECS Department, University of California, Berkeley, fevereiro DIKAIAKOS, M. D.; PALLIS, G.; KATSAROS, D.; MEHRA, P.; VAKALI, A. Cloud Computing Distributed Internet Computing for IT and Scientific Research. IEEE Internet Computing, 13(5): 10-13, setembro/outubro MOHAMED, A. A history of cloud computing. ComputerWeekly.com, 27 Março 2009.Disponível em: Acesso em: 15/11/2010. MORAN, José Manuel. A TV digital e a integração das tecnologias na educação. Campinas: Papirus, Desafios na comunicação pessoal. 4ª ed. revista. São Paulo: Paulinas, NETO, Olavo O., FREITAS, Rejane C.: Computação em nuvens, visão comparativa entre as principais plataformas de mercado. p.2 Artigo Wordpress Disponível em: <http://olavooneto.files.wordpress.com /2011/01/computacao_em_nuvens_visao_olavo_neto.pdf>. Acesso em 08/11/2011. Redação CIO. Gartner: cinco principais atributos da computação em nuvem. Computerworld Disponível em:< Acesso em 05/11/2011

18 REESE, George. The Economics of Cloud Computing. O'Reilly Broadcast Disponível em:< Acesso em: 08/11/2011. SUN MICROSYSTEMS, Take Your Business to a Higher Level Disponível em: pdf. Acesso em 10/01/2012. SUM ORACLE, Consolidate Storage Infrastructure and Create a Greener Datacenter Disponível em : g_id= &src= &act=36&sckw=wwmk mpp011.gcm Acesso em 12/03/2012. VAQUERO, L. M.; MERINO-RODERO, L.; CACERES, J.; LINDNER, M. A Break in the Clouds: Towards a Cloud Definition. ACM SIGCOMM Computer Communication Review, 39(1): 50-55, janeiro 2009.

Computação em Nuvem. Henrique Ruschel, Mariana Susan Zanotto, Wélton Costa da Mota. Especialização em Redes e Segurança de Sistemas 2008/2

Computação em Nuvem. Henrique Ruschel, Mariana Susan Zanotto, Wélton Costa da Mota. Especialização em Redes e Segurança de Sistemas 2008/2 Computação em Nuvem Henrique Ruschel, Mariana Susan Zanotto, Wélton Costa da Mota Especialização em Redes e Segurança de Sistemas 2008/2 Pontifícia Universidade Católica do Paraná Curitiba, Abril de 2010

Leia mais

Gerenciamento e Interoperabilidade de Redes

Gerenciamento e Interoperabilidade de Redes EN-3610 Gerenciamento e Interoperabilidade de Redes Computação em Nuvem Introdução Centralização do processamento Surgimento da Teleinformática Década de 60 Execução de programas localmente Computadores

Leia mais

Planejamento Estratégico de TI. Felipe Pontes felipe.pontes@gmail.com

Planejamento Estratégico de TI. Felipe Pontes felipe.pontes@gmail.com Planejamento Estratégico de TI Felipe Pontes felipe.pontes@gmail.com VPN Virtual Private Network Permite acesso aos recursos computacionais da empresa via Internet de forma segura Conexão criptografada

Leia mais

Faculdade Integrada do Ceará FIC Graduação em Redes de Computadores

Faculdade Integrada do Ceará FIC Graduação em Redes de Computadores Faculdade Integrada do Ceará FIC Graduação em Redes de Computadores Disciplina - Sistemas Distribuídos Prof. Andrey Halysson Lima Barbosa Aula 12 Computação em Nuvem Sumário Introdução Arquitetura Provedores

Leia mais

A computação na nuvem é um novo modelo de computação que permite ao usuário final acessar uma grande quantidade de aplicações e serviços em qualquer

A computação na nuvem é um novo modelo de computação que permite ao usuário final acessar uma grande quantidade de aplicações e serviços em qualquer A computação na nuvem é um novo modelo de computação que permite ao usuário final acessar uma grande quantidade de aplicações e serviços em qualquer lugar e independente da plataforma, bastando para isso

Leia mais

COMPUTAÇÃO EM NUVEM: UM FUTURO PRESENTE

COMPUTAÇÃO EM NUVEM: UM FUTURO PRESENTE COMPUTAÇÃO EM NUVEM: UM FUTURO PRESENTE Andressa T.R. Fenilli 1, Késsia R.C.Marchi 1 1 Universidade Paranaense (UNIPAR) Paranavaí PR Brasil andressa.trf@gmail.com, kessia@unipar.br Resumo. Computação em

Leia mais

O que é Cloud Computing?

O que é Cloud Computing? O que é Cloud Computing? Referência The Economics Of The Cloud, Microsoft, Nov. 2010 Virtualização, Brasport, Manoel Veras, Fev. 2011. 2 Arquitetura de TI A arquitetura de TI é um mapa ou plano de alto

Leia mais

Soluções em Mobilidade

Soluções em Mobilidade Soluções em Mobilidade Soluções em Mobilidade Desafios das empresas no que se refere a mobilidade em TI Acesso aos dados e recursos de TI da empresa estando fora do escritório, em qualquer lugar conectado

Leia mais

O que é Cloud Computing (Computação nas Nuvens)?

O que é Cloud Computing (Computação nas Nuvens)? O que é Cloud Computing (Computação nas Nuvens)? Introdução A denominação Cloud Computing chegou aos ouvidos de muita gente em 2008, mas tudo indica que ouviremos esse termo ainda por um bom tempo. Também

Leia mais

Curso Tecnológico de Redes de Computadores 5º período Disciplina: Tecnologia WEB Professor: José Maurício S. Pinheiro V. 2009-2

Curso Tecnológico de Redes de Computadores 5º período Disciplina: Tecnologia WEB Professor: José Maurício S. Pinheiro V. 2009-2 Curso Tecnológico de Redes de Computadores 5º período Disciplina: Tecnologia WEB Professor: José Maurício S. Pinheiro V. 2009-2 Aula 1 Conceitos da Computação em Nuvem A computação em nuvem ou cloud computing

Leia mais

Levantamento sobre Computação em Nuvens

Levantamento sobre Computação em Nuvens Levantamento sobre Computação em Nuvens Mozart Lemos de Siqueira Doutor em Ciência da Computação Centro Universitário Ritter dos Reis Sistemas de Informação: Ciência e Tecnologia Aplicadas mozarts@uniritter.edu.br

Leia mais

Uso Estratégico da Tecnologia da Informação nos Negócios Tendências e Oportunidades

Uso Estratégico da Tecnologia da Informação nos Negócios Tendências e Oportunidades Uso Estratégico da Tecnologia da Informação nos Negócios Tendências e Oportunidades Danilo Pereira, Msc. Apresentação Graduação em Ciência da Computação (1997) Mestre em Eng. Produção UFSC Mídia e Conhecimento

Leia mais

Cloud. Tudo o que um CEO precisa saber, mas o TI não teve paciência para explicar. {/} CLOUD SOLUTIONS

Cloud. Tudo o que um CEO precisa saber, mas o TI não teve paciência para explicar. {/} CLOUD SOLUTIONS Cloud Tudo o que um CEO precisa saber, mas o TI não teve paciência para explicar. {/} CLOUD SOLUTIONS Cloud Computing: O que é. O que faz. As vantagens. E tudo o que um CEO precisa saber, mas o TI não

Leia mais

otimizando níveis de serviço em implantações na nuvem pública

otimizando níveis de serviço em implantações na nuvem pública DOCUMENTAÇÃO TÉCNICA otimizando níveis de serviço em implantações na nuvem pública chaves para o gerenciamento de serviços efetivo agility made possible sumário resumo executivo 3 Introdução: modelos de

Leia mais

Segurança da Informação

Segurança da Informação INF 108 Segurança da Informação Computação em Nuvem Prof. João Henrique Kleinschmidt Introdução Centralização do processamento Surgimento da Teleinformática Década de 60 Execução de programas localmente

Leia mais

EXIN Cloud Computing Fundamentos

EXIN Cloud Computing Fundamentos Exame Simulado EXIN Cloud Computing Fundamentos Edição Maio 2013 Copyright 2013 EXIN Todos os direitos reservados. Nenhuma parte desta publicação pode ser publicado, reproduzido, copiado ou armazenada

Leia mais

Desafios da convergência em um mundo totalmente IP. Sidney Longo

Desafios da convergência em um mundo totalmente IP. Sidney Longo Desafios da convergência em um mundo totalmente IP Sidney Longo 13 de abril de 2011 Agenda O CPqD Cenário Roadmap Tecnológico Tendências Tecnológicas Computação em Nuvem Mobilidade e Redes Sociais Multiplos

Leia mais

Fernando Seabra Chirigati. Universidade Federal do Rio de Janeiro EEL879 - Redes de Computadores II Professores Luís Henrique Costa e Otto Duarte

Fernando Seabra Chirigati. Universidade Federal do Rio de Janeiro EEL879 - Redes de Computadores II Professores Luís Henrique Costa e Otto Duarte Fernando Seabra Chirigati Universidade Federal do Rio de Janeiro EEL879 - Redes de Computadores II Professores Luís Henrique Costa e Otto Duarte Introdução Grid x Nuvem Componentes Arquitetura Vantagens

Leia mais

Tendências em TI Aula: 01 versão: 1.1 30/06/2014

Tendências em TI Aula: 01 versão: 1.1 30/06/2014 Tendências em TI Aula: 01 versão: 1.1 30/06/2014 Robson Vaamonde http://www.vaamonde.com.br http://www.procedimentosemti.com.br Professor do Curso Prof. Robson Vaamonde, consultor de Infraestrutura de

Leia mais

Computação em Nuvens IaaS com Openstack. Eng. Marcelo Rocha de Sá marcelo@jambu.com.br FLISOL - Belém - Pará 25 de abril 2015

Computação em Nuvens IaaS com Openstack. Eng. Marcelo Rocha de Sá marcelo@jambu.com.br FLISOL - Belém - Pará 25 de abril 2015 Computação em Nuvens IaaS com Openstack Eng. Marcelo Rocha de Sá marcelo@jambu.com.br FLISOL - Belém - Pará 25 de abril 2015 Nuvens Computacionais IaaS com Openstack Nuvens Computacionais Serviços em nuvens

Leia mais

USE O PODER DA NUVEM. VEJA COMO A NUVEM PODE TRANSFORMAR SEUS NEGÓCIOS.

USE O PODER DA NUVEM. VEJA COMO A NUVEM PODE TRANSFORMAR SEUS NEGÓCIOS. USE O PODER DA NUVEM. VEJA COMO A NUVEM PODE TRANSFORMAR SEUS NEGÓCIOS. A computação em nuvem é uma mudança de paradigma no gerenciamento de TI e de datacenters, além de representar a capacidade da TI

Leia mais

Cloud Computing. Edy Hayashida E-mail: edy.hayashida@uol.com.br

Cloud Computing. Edy Hayashida E-mail: edy.hayashida@uol.com.br Cloud Computing Edy Hayashida E-mail: edy.hayashida@uol.com.br Facebook 750 milhões de usuários 42% de todos os usuários do Facebook estão localizado na América, 27% na Ásia e 25% na Europa 4% na África

Leia mais

NUVEM NO DNA COM A. pág. 8 NASCIDO PARA NUVEM. FUTURO Sistema operacional vai além da virtualização convencional dos recursos dos servidores

NUVEM NO DNA COM A. pág. 8 NASCIDO PARA NUVEM. FUTURO Sistema operacional vai além da virtualização convencional dos recursos dos servidores NASCIDO PARA NUVEM. INFORME PUBLICITÁRIO Windows Server 2012 março de 2013 COM A NUVEM NO DNA WINDOWS SERVER 2012 É A RESPOSTA DA MICROSOFT PARA O NOVO CENÁRIO DOS DATACENTERS pág. 4 FUTURO Sistema operacional

Leia mais

UMA INTRODUÇÃO SIGNIFICATIVA SOBRE COMPUTAÇÃO NAS NUVENS (CLOUD COMPUTING)

UMA INTRODUÇÃO SIGNIFICATIVA SOBRE COMPUTAÇÃO NAS NUVENS (CLOUD COMPUTING) UMA INTRODUÇÃO SIGNIFICATIVA SOBRE COMPUTAÇÃO NAS NUVENS (CLOUD COMPUTING) Thiago Batista de Oliveira¹, Júlio César Pereira¹ ¹Universidade Paranaense (Unipar) Paranavaí PR Brasil thiagoolyveira@gmail.com,juliocesarp@unipar.br

Leia mais

Computação nas Nuvens. Diemesleno Souza Carvalho diemesleno.carvalho@ifms.edu.br

Computação nas Nuvens. Diemesleno Souza Carvalho diemesleno.carvalho@ifms.edu.br Computação nas Nuvens Diemesleno Souza Carvalho diemesleno.carvalho@ifms.edu.br Definição Definição Conjunto de recursos de TI (servidores, banco de dados, aplicações) disponibilizadas sob demanda por

Leia mais

Acelere o valor da computação em nuvem com a IBM

Acelere o valor da computação em nuvem com a IBM Acelere o valor da computação em nuvem com a IBM Obtenha soluções em nuvem comprovadas para as suas prioridades mais urgentes Destaques da solução Saiba sobre os benefícios mais comuns de implementações

Leia mais

Agenda CLOUD COMPUTING I

Agenda CLOUD COMPUTING I Agenda O que é Cloud Computing? Atributos do Cloud Computing Marcos do Cloud Computing Tipos do Cloud Computing Camadas do Cloud computing Cloud Computing Tendências O Cloud Computing do Futuro Pros &

Leia mais

TRIBUTAÇÃO NAS NUVENS Uma Regulação em Debate

TRIBUTAÇÃO NAS NUVENS Uma Regulação em Debate TRIBUTAÇÃO NAS NUVENS Uma Regulação em Debate Workshop Divisão Tributária 18.04.2013 CIESP - CAMPINAS PROGRAMA 1. BREVE INTRODUÇÃO À COMPUTAÇÃO EM NUVEM 2. PRINCIPAIS OPERAÇÕES E ASPECTOS TRIBUTÁRIOS POLÊMICOS

Leia mais

Universidade Agostinho Neto Faculdade de Ciências Departamento de Ciências da Computação

Universidade Agostinho Neto Faculdade de Ciências Departamento de Ciências da Computação Universidade Agostinho Neto Faculdade de Ciências Departamento de Ciências da Computação Nº 96080 - Adário de Assunção Fonseca Muatelembe Nº 96118 - Castelo Pedro dos Santos Nº 96170 - Feliciano José Pascoal

Leia mais

TRIBUTAÇÃO NA NUVEM. Tax Friday 21 de outubro de 2011 AMCHAM - RJ

TRIBUTAÇÃO NA NUVEM. Tax Friday 21 de outubro de 2011 AMCHAM - RJ TRIBUTAÇÃO NA NUVEM Tax Friday 21 de outubro de 2011 AMCHAM - RJ PROGRAMA 1. INTRODUÇÃO À COMPUTAÇÃO EM NUVEM CONCEITOS APLICÁVEIS 2. PRINCIPAIS OPERAÇÕES E ASPECTOS TRIBUTÁRIOS POLÊMICOS INTRODUÇÃO À

Leia mais

Cloud Computing. Andrêza Leite. andreza.lba@gmail.com

Cloud Computing. Andrêza Leite. andreza.lba@gmail.com Cloud Computing Andrêza Leite andreza.lba@gmail.com Roteiro O que é cloud computing? Classificação O que está 'por traz' da cloud? Exemplos Como montar a sua? O que é cloud computing? Cloud Computing O

Leia mais

USE O PODER DA NUVEM. VEJA COMO A NUVEM PODE TRANSFORMAR SEUS NEGÓCIOS.

USE O PODER DA NUVEM. VEJA COMO A NUVEM PODE TRANSFORMAR SEUS NEGÓCIOS. USE O PODER DA NUVEM. VEJA COMO A NUVEM PODE TRANSFORMAR SEUS NEGÓCIOS. A computação em nuvem é uma mudança de paradigma no gerenciamento de TI e de datacenters, além de representar a capacidade da TI

Leia mais

Uma aplicacação de privacidade no gerenciamento de identidades em nuvem com uapprove

Uma aplicacação de privacidade no gerenciamento de identidades em nuvem com uapprove Uma aplicacação de privacidade no gerenciamento de identidades em nuvem com uapprove Daniel Ricardo dos Santos Universidade Federal de Santa Catarina 10 de novembro de 2011 Agenda 1 Introdução 2 Identidade

Leia mais

O que é cloud computing (computação nas nuvens)? Entendendo a cloud computing (computação nas nuvens)

O que é cloud computing (computação nas nuvens)? Entendendo a cloud computing (computação nas nuvens) O que é cloud computing (computação nas nuvens)? Introdução A expressão cloud computing começou a ganhar força em 2008, mas, conceitualmente, as ideias por trás da denominação existem há muito mais tempo.

Leia mais

Renan Borges Pereira¹, Rodrigo Rodrigues da Silva². Faculdade de Tecnologia de Ourinhos FATEC. renanzaum_1@hotmail.com¹, rodrigues_fatec@hotmail.

Renan Borges Pereira¹, Rodrigo Rodrigues da Silva². Faculdade de Tecnologia de Ourinhos FATEC. renanzaum_1@hotmail.com¹, rodrigues_fatec@hotmail. Renan Borges Pereira¹, Rodrigo Rodrigues da Silva² Faculdade de Tecnologia de Ourinhos FATEC renanzaum_1@hotmail.com¹, rodrigues_fatec@hotmail.com² Há algum tempo o termo computação em nuvem ou Cloud Computing

Leia mais

23/05/12. Computação em Nuvem. Computação em nuvem: gerenciamento de dados. Computação em Nuvem - Características principais

23/05/12. Computação em Nuvem. Computação em nuvem: gerenciamento de dados. Computação em Nuvem - Características principais Computação em Nuvem Computação em nuvem: gerenciamento de dados Computação em nuvem (Cloud Computing) é uma tendência recente de tecnologia cujo objetivo é proporcionar serviços de Tecnologia da Informação

Leia mais

ADAPTANDO UMA APLICAÇÃO PARA CLOUD: UMA ANÁLISE ENTRE OS ESFORÇOS UTILIZADOS

ADAPTANDO UMA APLICAÇÃO PARA CLOUD: UMA ANÁLISE ENTRE OS ESFORÇOS UTILIZADOS ADAPTANDO UMA APLICAÇÃO PARA CLOUD: UMA ANÁLISE ENTRE OS ESFORÇOS UTILIZADOS Cleverson Nascimento de Mello¹, Claudete Werner¹, Gabriel Costa Silva² ¹Universidade Paranaense (Unipar) Paranavaí PR Brasil

Leia mais

ANÁLISE COMPARATIVA DE PLATAFORMAS DE COMPUTAÇÃO EM NUVEM

ANÁLISE COMPARATIVA DE PLATAFORMAS DE COMPUTAÇÃO EM NUVEM ANÁLISE COMPARATIVA DE PLATAFORMAS DE COMPUTAÇÃO EM NUVEM Igor dos Passos Granado¹, Ricardo de Melo Germano¹, Claudete Werner¹, Gabriel Costa Silva² ¹Universidade Paranaense (Unipar) Paranavai PR Brasil

Leia mais

Relatório de Progresso

Relatório de Progresso Luís Filipe Félix Martins Relatório de Progresso Mestrado Integrado em Engenharia Electrotécnica e de Computadores Preparação para a Dissertação Índice Introdução... 2 Motivação... 2 Cloud Computing (Computação

Leia mais

Por Antonio Couto. Autor: Antonio Couto Enterprise Architect

Por Antonio Couto. Autor: Antonio Couto Enterprise Architect Cloud Computing e HP Converged Infrastructure Para fazer uso de uma private cloud, é necessário crescer em maturidade na direção de uma infraestrutura convergente. Por Antonio Couto O que é Cloud Computing?

Leia mais

Agregando valor com Business Service Innovation

Agregando valor com Business Service Innovation Agregando valor com Business Service Innovation A TI é enorme. Existem tantos bits no universo digital quanto estrelas em nosso universo físico. é arriscada. Dois terços dos projetos de TI estão em risco,

Leia mais

CLOUD COMPUTING. Andrêza Leite. andreza.leite@univasf.edu.br

CLOUD COMPUTING. Andrêza Leite. andreza.leite@univasf.edu.br CLOUD COMPUTING Andrêza Leite andreza.leite@univasf.edu.br Roteiro O que é cloud computing? Classificação O que está 'por traz' da cloud? Exemplos Como montar a sua? O que é cloud computing? Cloud Computing

Leia mais

PROCESSAMENTO DE DADOS 15/08

PROCESSAMENTO DE DADOS 15/08 PROCESSAMENTO DE DADOS 15/08 Coletar Informática Armazenar Disseminar Dados DADOS Elementos conhecidos de um problema INFORMAÇÃO Um conjunto estruturado de dados transmitindo conhecimento. Novas Tecnologias

Leia mais

2 Computação na Nuvem

2 Computação na Nuvem 18 2 Computação na Nuvem 2.1 Definição A ideia essencial da computação na nuvem é permitir um novo modelo onde o consumo de recursos computacionais, e.g., armazenamento, processamento, banda entrada e

Leia mais

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Prof. Daniel Arthur Gennari Junior Unidade IV PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Sobre esta aula Tendências e práticas emergentes em TI Outsourcing: objetivos e riscos Computação na nuvem

Leia mais

CLOUD COMPUTING PEDRO MORHY BORGES LEAL. MAC0412 - Organização de Computadores Prof. Alfredo Goldman 7 de dezembro de 2010

CLOUD COMPUTING PEDRO MORHY BORGES LEAL. MAC0412 - Organização de Computadores Prof. Alfredo Goldman 7 de dezembro de 2010 CLOUD COMPUTING PEDRO MORHY BORGES LEAL MAC0412 - Organização de Computadores Prof. Alfredo Goldman 7 de dezembro de 2010 0 CLOUD COMPUTING 1 1. Introdução Com o grande avanço da tecnologia de processadores,

Leia mais

ARTIGO CIENTÍFICO DE CONCLUSÃO DE CURSO UM ESTUDO SOBRE OS BENEFÍCIOS E OS RISCOS DE SEGURANÇA NA UTILIZAÇÃO DE CLOUD COMPUTING

ARTIGO CIENTÍFICO DE CONCLUSÃO DE CURSO UM ESTUDO SOBRE OS BENEFÍCIOS E OS RISCOS DE SEGURANÇA NA UTILIZAÇÃO DE CLOUD COMPUTING ARTIGO CIENTÍFICO DE CONCLUSÃO DE CURSO 1 UM ESTUDO SOBRE OS BENEFÍCIOS E OS RISCOS DE SEGURANÇA NA UTILIZAÇÃO DE CLOUD COMPUTING Aluno: Fabrício Rodrigues Henriques da Silva Matrícula: 05201186 Professor:

Leia mais

TÍTULO: SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO E ESTRUTURA DA SOLUÇÃO DA COMPUTAÇÃO EM NUVEM IMPLANTADA EM UMA EMPRESA DO ESTADO DE SÃO PAULO

TÍTULO: SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO E ESTRUTURA DA SOLUÇÃO DA COMPUTAÇÃO EM NUVEM IMPLANTADA EM UMA EMPRESA DO ESTADO DE SÃO PAULO Anais do Conic-Semesp. Volume 1, 2013 - Faculdade Anhanguera de Campinas - Unidade 3. ISSN 2357-8904 TÍTULO: SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO E ESTRUTURA DA SOLUÇÃO DA COMPUTAÇÃO EM NUVEM IMPLANTADA EM UMA EMPRESA

Leia mais

COMPUTAÇÃO EM NUVEM. Michele Marques Costa 1,2, Julio César2 ¹Universidade paranaense (Unipar)

COMPUTAÇÃO EM NUVEM. Michele Marques Costa 1,2, Julio César2 ¹Universidade paranaense (Unipar) COMPUTAÇÃO EM NUVEM Michele Marques Costa 1,2, Julio César2 ¹Universidade paranaense (Unipar) Paranavaí PR Brasil Mih_nai@hotmail.com juliocesar@unipar.br Resumo. Este artigo contém a definição e citação

Leia mais

EMBRATEL ENTREVISTA: Pietro Delai IDC Brasil DATA CENTER VIRTUAL - DCV

EMBRATEL ENTREVISTA: Pietro Delai IDC Brasil DATA CENTER VIRTUAL - DCV EMBRATEL ENTREVISTA: Pietro Delai IDC Brasil DATA CENTER VIRTUAL - DCV DATA CENTER VIRTUAL - DCV Em entrevista, Pietro Delai, Gerente de Pesquisa e Consultoria da IDC Brasil relata os principais avanços

Leia mais

COMPUTAÇÃO EM NUVEM, UMA ABORDAGEM CONCEITUAL E PRÁTICA SOBRE NUVEM PRIVADA CLOUD COMPUTING, A CONCEPTUAL APPROACH AND PRACTICE ON PRIVATE CLOUD

COMPUTAÇÃO EM NUVEM, UMA ABORDAGEM CONCEITUAL E PRÁTICA SOBRE NUVEM PRIVADA CLOUD COMPUTING, A CONCEPTUAL APPROACH AND PRACTICE ON PRIVATE CLOUD COMPUTAÇÃO EM NUVEM, UMA ABORDAGEM CONCEITUAL E PRÁTICA SOBRE NUVEM PRIVADA CLOUD COMPUTING, A CONCEPTUAL APPROACH AND PRACTICE ON PRIVATE CLOUD Álvaro Monaretto 1 ; Adriano José Baptistela 2 RESUMO: Os

Leia mais

SISTEMAS DISTRIBUÍDOS

SISTEMAS DISTRIBUÍDOS SISTEMAS DISTRIBUÍDOS Cluster, Grid e computação em nuvem Slide 8 Nielsen C. Damasceno Introdução Inicialmente, os ambientes distribuídos eram formados através de um cluster. Com o avanço das tecnologias

Leia mais

Arcserve Backup: Como proteger ambientes NAS heterogêneos com NDMP

Arcserve Backup: Como proteger ambientes NAS heterogêneos com NDMP Arcserve Backup: Como proteger ambientes NAS heterogêneos com NDMP Phil Maynard UNIDADE DE SOLUÇÕES DE GERENCIAMENTO DE DADOS PARA O CLIENTE FEVEREIRO DE 2012 Introdução Em todos os lugares, o volume de

Leia mais

Aluno: Tiago Castro da Silva

Aluno: Tiago Castro da Silva Faculdade Tecnodohms I Mostra de Ciência e Tecnologia Tecnologias de Virtualização para CLOUD COMPUTING Aluno: Tiago Castro da Silva CURSO: REDES DE COMPUTADORES A Computação evoluiu e Cloud Computing

Leia mais

de TI 17/09/2015 http://www.gartner.com/technology/home.jsp

de TI 17/09/2015 http://www.gartner.com/technology/home.jsp Consumerização é o termo dado para o uso de dispositivos pessoais no ambiente de trabalho. Tablets, netbooks, iphones e Androids que são usados nas empresas por funcionários e que tendem* a aumenta a produtividade.

Leia mais

Dez fatos inteligentes que você deve saber sobre storage

Dez fatos inteligentes que você deve saber sobre storage Dez fatos inteligentes que você deve saber sobre storage Tendências, desenvolvimentos e dicas para tornar o seu ambiente de storage mais eficiente Smart decisions are built on Storage é muito mais do que

Leia mais

Alexandre Malveira, Wolflan Camilo

Alexandre Malveira, Wolflan Camilo Alexandre Malveira, Wolflan Camilo Introdução Cloud Computing Computação Móvel SaaS, PaaS e IaaS CloudBees Diariamente arquivos são acessados, informações dos mais variados tipos são armazenadas e ferramentas

Leia mais

ANÁLISE COMPARATIVA ENTRE APLICAÇÕES GRATUITAS EM NUVEM

ANÁLISE COMPARATIVA ENTRE APLICAÇÕES GRATUITAS EM NUVEM ANÁLISE COMPARATIVA ENTRE APLICAÇÕES GRATUITAS EM NUVEM Pedro Victor Fortunato Lima, Ricardo Ribeiro Rufino Universidade Paranaense UNIPAR Paranavaí Paraná Brasil pedrin_victor@hotmail.com, ricardo@unipar.br

Leia mais

Estratégias em Tecnologia da Informação

Estratégias em Tecnologia da Informação Estratégias em Tecnologia da Informação Capítulo 08 Alternativas de Investimento em TI Fábricas de software, Softwarehouses, Virtualização, Computação em Nuvem Datacenter Material de apoio 2 Esclarecimentos

Leia mais

Patrício Domingues Dep. Eng. Informática ESTG Instituto Politécnico de Leiria Leiria, Maio 2011 http://bit.ly/patricio

Patrício Domingues Dep. Eng. Informática ESTG Instituto Politécnico de Leiria Leiria, Maio 2011 http://bit.ly/patricio Patrício Domingues Dep. Eng. Informática ESTG Instituto Politécnico de Leiria Leiria, Maio 2011 http://bit.ly/patricio 1 Velocidade... Pesquisar Cloud computing 76 milhões resultados em 0,06 segundos Isto

Leia mais

Guia de vendas Windows Server 2012 R2

Guia de vendas Windows Server 2012 R2 Guia de vendas Windows Server 2012 R2 Por que Windows Server 2012 R2? O que é um servidor? Mais do que um computador que gerencia programas ou sistemas de uma empresa, o papel de um servidor é fazer com

Leia mais

Uma Proposta de Framework de Comparação de Provedores de Computação em Nuvem

Uma Proposta de Framework de Comparação de Provedores de Computação em Nuvem Uma Proposta de Framework de Comparação de Provedores de Computação em Nuvem Igor G. Haugg Bolsista PIBITI/CNPq Orientador: Dr. Rafael Z. Frantz Área de Pesquisa Integração de Aplicações Empresariais Computação

Leia mais

IBM Cloud: Repense a TI. Reinvente os negócios.

IBM Cloud: Repense a TI. Reinvente os negócios. Software Group White paper de Liderança de Pensamento Junho de 2011 IBM Cloud: Repense a TI. Reinvente os negócios. 2 IBM Cloud: Trabalhando na nuvem. Reinventando negócios. Os CIOs e executivos seniores

Leia mais

Infraestrutura: devo usar a nuvem? Prof. Artur Clayton Jovanelli

Infraestrutura: devo usar a nuvem? Prof. Artur Clayton Jovanelli Infraestrutura: devo usar a nuvem? Prof. Artur Clayton Jovanelli Conceitos principais Nuvem Local Dados (informações) Profissional Pessoal Procedimento padrão (modelo) Produzir Armazenar Como era... Como

Leia mais

Gestão em Sistemas de Informação. Profa.: Me. Christiane Zim Zapelini E-mail: christianezapelini@nwk.edu.br

Gestão em Sistemas de Informação. Profa.: Me. Christiane Zim Zapelini E-mail: christianezapelini@nwk.edu.br Gestão em Sistemas de Informação Profa.: Me. Christiane Zim Zapelini E-mail: christianezapelini@nwk.edu.br Gestão em Sistemas de Informação Cloud Computing (Computação nas Nuvens) 2 Cloud Computing Vocês

Leia mais

Cisco Intelligent Automation for Cloud

Cisco Intelligent Automation for Cloud Dados técnicos do produto Cisco Intelligent Automation for Cloud Os primeiros a adotarem serviços com base em nuvem buscavam uma economia de custo maior que a virtualização e abstração de servidores podiam

Leia mais

fornecendo valor com inovações de serviços de negócios

fornecendo valor com inovações de serviços de negócios fornecendo valor com inovações de serviços de negócios A TI é grande. Tantos bits no universo digital quanto estrelas em nosso universo físico. é arriscada. Dois terços dos projetos de TI estão em risco,

Leia mais

Cloud Computing O novo paradigma de Custeio. Anderson Baldin Figueiredo Consultor

Cloud Computing O novo paradigma de Custeio. Anderson Baldin Figueiredo Consultor Cloud Computing O novo paradigma de Custeio Anderson Baldin Figueiredo Consultor O momento da 3ª. Plataforma $$$$$ $ Conceituando Cloud Computing Mas o que significa cloud computing mesmo? Cloud = Evolução

Leia mais

4 Solução Proposta. 4.1 Escopo Proposto

4 Solução Proposta. 4.1 Escopo Proposto 30 4 Solução Proposta 4.1 Escopo Proposto Neste trabalho propomos um arcabouço genérico que permite implementar leques de serviços baseados na Simulação de Monte Carlo, utilizando o ambiente de computação

Leia mais

DATA CENTER INOVAÇÃO PARA RESPONDER À EXPLOSÃO DE TENDÊNCIAS GERMANO ALVES DA COSTA ENGENHEIRO DE APLICAÇÃO

DATA CENTER INOVAÇÃO PARA RESPONDER À EXPLOSÃO DE TENDÊNCIAS GERMANO ALVES DA COSTA ENGENHEIRO DE APLICAÇÃO DATA CENTER INOVAÇÃO PARA RESPONDER À EXPLOSÃO DE TENDÊNCIAS GERMANO ALVES DA COSTA ENGENHEIRO DE APLICAÇÃO Consultoria Frost & Sullivan Por que investir em Data Center? Mercado brasileiro de Data Center

Leia mais

COMPUTAÇÃO EM NUVEM: TENDÊNCIAS E OPORTUNIDADES DE NEGÓCIOS RELATÓRIO EXECUTIVO DE NEGÓCIOS

COMPUTAÇÃO EM NUVEM: TENDÊNCIAS E OPORTUNIDADES DE NEGÓCIOS RELATÓRIO EXECUTIVO DE NEGÓCIOS COMPUTAÇÃO EM NUVEM: TENDÊNCIAS E OPORTUNIDADES DE NEGÓCIOS TM RELATÓRIO EXECUTIVO DE NEGÓCIOS A visão da computação em nuvem por Aad van Schetsen, vicepresidente da Compuware Uniface, que mostra por que

Leia mais

Transformação da Indústria

Transformação da Indústria Conceitos Transformação da Indústria Hoje Cloud Anos 2000 Web Anos 1990 Cliente / Servidor Anos 1970 e 80 Mainframe Novas possibilidades O momento atual do país é favorável para que as empresas passem

Leia mais

Prof. Ms. José Eduardo Santarem Segundo santarem@univem.edu.br. Demonstrar o impacto que o tema virtualização tem representado no mercado

Prof. Ms. José Eduardo Santarem Segundo santarem@univem.edu.br. Demonstrar o impacto que o tema virtualização tem representado no mercado Prof. Ms. José Eduardo Santarem Segundo santarem@univem.edu.br Demonstrar o impacto que o tema virtualização tem representado no mercado de TI. Apresentar alguns conceitos e técnicas sobre a tecnologia

Leia mais

João Víctor Rocon Maia Engenharia de Computação - UFES

João Víctor Rocon Maia Engenharia de Computação - UFES João Víctor Rocon Maia Engenharia de Computação - UFES Agenda Quem usa? Conceito Ilustração Vantagens Tipologia Topologia Como fazer? O que é preciso? Infraestrutura Sistema Operacional Software Eucalyptus

Leia mais

Administração de Sistemas de Informação Gerenciais

Administração de Sistemas de Informação Gerenciais Administração de Sistemas de Informação Gerenciais UNIDADE III: Infraestrutura de Tecnologia da Informação Atualmente, a infraestrutura de TI é composta por cinco elementos principais: hardware, software,

Leia mais

Sucesu RS A Tecnologia a Favor da Inovação. Serviços de Cloud Computing para operações de missão crítica

Sucesu RS A Tecnologia a Favor da Inovação. Serviços de Cloud Computing para operações de missão crítica Sucesu RS A Tecnologia a Favor da Inovação Serviços de Cloud Computing para operações de missão crítica Fernando Bittar Diretor de Novos Negócios ITM IT Management Contexto do Mercado de Cloud Computing

Leia mais

Convergência TIC e Projetos TIC

Convergência TIC e Projetos TIC TLCne-051027-P1 Convergência TIC e Projetos TIC 1 Introdução Você responde essas perguntas com facilidade? Quais os Projetos TIC mais frequentes? Qual a importância de BI para a venda de soluções TIC (TI

Leia mais

Monitoramento de Rede de Nuvens Privadas

Monitoramento de Rede de Nuvens Privadas Monitoramento de Rede de Nuvens Privadas White Paper Autores: Dirk Paessler, CEO da Paessler AG Dorte Winkler, Redatora Técnica na Paessler AG Primeira Publicação: Maio de 2011 Edição: Fevereiro de 2013

Leia mais

Computação em Nuvem: Riscos e Vulnerabilidades

Computação em Nuvem: Riscos e Vulnerabilidades Computação em Nuvem: Riscos e Vulnerabilidades Bruno Sanchez Lombardero Faculdade Impacta de Tecnologia São Paulo Brasil bruno.lombardero@gmail.com Resumo: Computação em nuvem é um assunto que vem surgindo

Leia mais

A economia em nuvem da AWS em comparação com o da infraestrutura de TI proprietária

A economia em nuvem da AWS em comparação com o da infraestrutura de TI proprietária A economia em nuvem da AWS em comparação com o da infraestrutura de TI proprietária Publicação: 7 de dezembro de 2009 A Amazon Web Services (AWS) oferece a empresas de todos os tamanhos serviços de rede

Leia mais

Tributação do Cloud Computing É Uma Incógnita

Tributação do Cloud Computing É Uma Incógnita Tributação do Cloud Computing É Uma Incógnita Por André Iizuka 1 A convergência da Tecnologia da Informação e das Telecomunicações tem gerado uma fantástica explosão de soluções virtuais à disposição do

Leia mais

Sistemas de Informação

Sistemas de Informação Sistemas de Informação Prof. M.Sc. Diego Fernandes Emiliano Silva diego.femiliano@gmail.com Agenda Infraestrutura de TI Infraestrutura de TI: hardware Infraestrutura de TI: software Administração dos recursos

Leia mais

Entendendo as camadas do cloud computing: Iaas, Paas e SaaS

Entendendo as camadas do cloud computing: Iaas, Paas e SaaS + segurança + economia + liberdade + disponibilidade + sustentabilidade + flexibilidade Entendendo as camadas do cloud computing: Iaas, Paas e SaaS As camadas da nuvem Nossa missão com este white paper

Leia mais

Introdução a Computação nas Nuvens

Introdução a Computação nas Nuvens Introdução a Computação nas Nuvens Professor: Rômulo César Dias de Andrade. E-mail: romulocesar@faculdadeguararapes.edu.br romulodandrade@gmail.com www.romulocesar.com.br PROFESSOR... Mini CV: NOME: RÔMULO

Leia mais

Cloud Computing Aplicando a Tecnologia no Mundo Corporativo

Cloud Computing Aplicando a Tecnologia no Mundo Corporativo Cloud Computing Aplicando a Tecnologia no Mundo Corporativo Carlos Matheus Galvão Curso de Especialização em Redes e Segurança de Sistemas 2009/1 Pontifícia Universidade Católica do Paraná Curitiba, Outubro

Leia mais

UMA VISÃO GERAL DA COMPUTAÇÃO EM NUVEM

UMA VISÃO GERAL DA COMPUTAÇÃO EM NUVEM UMA VISÃO GERAL DA COMPUTAÇÃO EM NUVEM Ederson dos Santos Cordeiro de Oliveira 1, Tiago Piperno Bonetti 1, Ricardo Germano 1 ¹Universidade Paranaense (Unipar) Paranavaí PR Brasil edersonlikers@gmail.com,

Leia mais

MUM. Mikrotik User s Meeting Rio de Janeiro - 2009. Mikrotik e a Computação nas nuvens. Maila Networks

MUM. Mikrotik User s Meeting Rio de Janeiro - 2009. Mikrotik e a Computação nas nuvens. Maila Networks MUM Mikrotik User s Meeting Rio de Janeiro - 2009 Mikrotik e a Computação nas nuvens Oferece serviços de Conectividade IP, Desenvolvimento e Integração de Sistemas. Consultoria `a Provedores de Acesso,

Leia mais

Infra estrutura da Tecnologia da Informação

Infra estrutura da Tecnologia da Informação Infra estrutura da Tecnologia da Informação Capítulo 3 Adaptado do material de apoio ao Livro Sistemas de Informação Gerenciais, 7ª ed., de K. Laudon e J. Laudon, Prentice Hall, 2005 CEA460 Gestão da Informação

Leia mais

Tendências em Qualidade de Software. Robert Pereira Pinto robert@base2.com.br

Tendências em Qualidade de Software. Robert Pereira Pinto robert@base2.com.br Tendências em Qualidade de Software Robert Pereira Pinto robert@base2.com.br Tendências Tecnológicas Computação nas nuvens Análises avançadas para simulação e otimização de processos Aplicações RIA Social

Leia mais

Sistema IBM PureApplication

Sistema IBM PureApplication Sistema IBM PureApplication Sistema IBM PureApplication Sistemas de plataforma de aplicativos com conhecimento integrado 2 Sistema IBM PureApplication A TI está vindo para o centro estratégico dos negócios

Leia mais

Por que Office 365? Office 365 Por que usar?

Por que Office 365? Office 365 Por que usar? Por que Office 365? Office 365 Por que usar? POR QUE OFFICE 365? Olá. Nesse guia, vamos tratar de um serviço que está sendo extremamente procurado por executivos e especialistas em TI das empresas: o Office

Leia mais

GIS Cloud na Prática. Fabiano Cucolo 26/08/2015

GIS Cloud na Prática. Fabiano Cucolo 26/08/2015 GIS Cloud na Prática Fabiano Cucolo 26/08/2015 Um pouco sobre o palestrante Fabiano Cucolo fabiano@soloverdi.com.br 11-98266-0244 (WhatsApp) Consultor de Geotecnologias Soloverdi Engenharia www.soloverdi.com.br.

Leia mais

Características Básicas de Sistemas Distribuídos

Características Básicas de Sistemas Distribuídos Motivação Crescente dependência dos usuários aos sistemas: necessidade de partilhar dados e recursos entre utilizadores; porque os recursos estão naturalmente em máquinas diferentes. Demanda computacional

Leia mais

Administração de Sistemas de Informação Gerenciais

Administração de Sistemas de Informação Gerenciais Administração de Sistemas de Informação Gerenciais UNIDADE III: Infraestrutura de Tecnologia da Informação Atualmente, a infraestrutura de TI é composta por cinco elementos principais: hardware, software,

Leia mais

CLOUD COMPUTING NAS EMPRESAS: NUVEM PÚBLICA OU NUVEM PRIVADA? nubeliu.com

CLOUD COMPUTING NAS EMPRESAS: NUVEM PÚBLICA OU NUVEM PRIVADA? nubeliu.com CLOUD COMPUTING NAS EMPRESAS: NUVEM PÚBLICA OU NUVEM PRIVADA? nubeliu.com SUMÁRIO Introdução... 4 Nuvem pública: quando ela é ideal... 9 Nuvem privada: quando utilizá-la... 12 Alternativas de sistemas

Leia mais

CENTRO DE DADOS (DATACENTERS)

CENTRO DE DADOS (DATACENTERS) CENTRO DE DADOS (DATACENTERS) GARCIA, Denis INTRODUÇÃO Os centros de dados têm suas raízes nas enormes salas de informática do século XX da indústria de computação. Os primeiros computadores eram complexos

Leia mais

www.under.com.br 4007.1432 / 0800.886.1432 / 51 3301.1432

www.under.com.br 4007.1432 / 0800.886.1432 / 51 3301.1432 www.under.com.br 4007.1432 / 0800.886.1432 / 51 3301.1432 Sua Infra na Nuvem Quem somos A Under é uma empresa de tecnologia e infraestrutura para internet, fundada em 2002. Figuramos entre as maiores empresas

Leia mais

Universo Online S.A 1

Universo Online S.A 1 Universo Online S.A 1 1. Sobre o UOL HOST O UOL HOST é uma empresa de hospedagem e serviços web do Grupo UOL e conta com a experiência de mais de 15 anos da marca sinônimo de internet no Brasil. Criado

Leia mais

Licenciamento de estações de trabalho Windows para Ambientes VDI

Licenciamento de estações de trabalho Windows para Ambientes VDI Microsoft VDI e Windows VDA Perguntas Frequentes Licenciamento de estações de trabalho Windows para Ambientes VDI Como a Microsoft licencia o Windows das estações de trabalho em ambientes virtuais? A Microsoft

Leia mais