WEBINAR SEGURO DPVAT O SEGURO DO TRÂNSITO. Palestrante Vera Cataldo

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "WEBINAR SEGURO DPVAT O SEGURO DO TRÂNSITO. Palestrante Vera Cataldo"

Transcrição

1 1

2 WEBINAR SEGURO DPVAT O SEGURO DO TRÂNSITO Palestrante Vera Cataldo

3 Seguro DPVAT Seguro Obrigatório de Danos Pessoais causados por Veículos Automotores de Via Terrestre ou por sua carga, a pessoas transportadas ou não.

4 Objetivo CobrirDanos Pessoais causados por Veículos Automotores de Via Terrestre ou por suas cargas, a pessoas transportadas ou não. Finalidade Amparar as vítimas de acidente de trânsito em todo território nacional, não importando de quem seja a culpa.

5 Coberturas e Valores* Morte: R$ ,00 Invalidez Permanente: até R$ ,00 Despesas Médicas e Hospitalares ( DAMS): até R$ 2.700,00 Formas de Pagamento Crédito em conta corrente: todos os bancos Crédito em conta poupança: Bradesco, Banco do Brasil, Itaú e Caixa Econômica *Fixados pela Lei 6.194/74, alterada pela Lei /2007.

6 Prazo para dar entrada no pedido de indenização ou reembolso O prazo para requerer o Seguro DPVAT é de 03 anos contados da data do acidente. Prazo para o recebimento da indenização ou reembolso O prazo para liberação do pagamento é em no máximo 30 dias, nos casos em que a documentação apresentada encontra-se completa.

7 Cobre acidentes ocorridos em todo o território nacional. Indeniza individualmente todas as vítimas do acidente, transportadas ou não. Única modalidade de seguro que dá cobertura à população em qualquer ponto do país. Independe da apuração de culpa. Independe da quantidade de acidentes causados pelo mesmo veículo. Independe da identificação do veículo.

8 MORTE: os beneficiários são, simultaneamente, o cônjugee/ouo(a)companheiro(a),eos herdeiros legais da vítima. INVALIDEZ PERMANENTE: a indenização é paga diretamente a vítima. DAMS(REEMBOLSO DE DESPESAS COM ASSISTÊNCIA MÉDICA E SUPLEMENTARES): o reembolso é pago diretamente a vítima.

9 Onde encontrar orientações sobre o Seguro DPVAT Documento do veículo Pontosde Atendimento autorizados do Seguro DPVAT Site: SAC DPVAT:

10 Documento do Veículo Apólice do Seguro O bilhete de seguro é distribuído junto com o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo CRLV ou Certificado de Registro do Veículo CRV, documento do proprietário do veículo. O verso destes documentos informa o que é e como usar o DPVAT.

11 50% para o pagamento das indenizações e administração do Seguro. 45% para o Sistema Único de Saúde, para custeio de assistência médico-hospitalar dos segurados vitimados em acidentes de trânsito. 5% para o DENATRAN, para campanhas de prevenção de acidentes e educação no trânsito. CONSÓRCIO DPVAT VALORES - R$ VALORES - R$ ANO SUS (45%) DENATRAN (5%) ,8 BILHOES 423, 5 MILHOES

12 O Conselho Nacional de Seguros Privados CNSP, através da sua Resolução CNSP n 154 de 08 de dezembro de 2006, determinou a constituição de dois Consórcios específicos a serem administrados por uma seguradora especializada, na qualidade de líder. Através da Portaria n 2.797/07, publicada em 07 de dezembro de 2007 foi criada a Seguradora Líder DPVAT, para atender a exigência. A Seguradora Líder-DPVAT é uma companhia de capital nacional, constituída por seguradoras que participam dosdoisconsórcios,equecomeçouaoperarem01de janeiro de Ela é responsável pela Administração das Operações dos Consórcios do Seguro DPVAT, dos quais participaram 78 Seguradoras no ano de 2014.

13 Do total de pessoas que sofrem algum tipo de dano em acidentes de trânsito, mais de 70% estão na faixa etária de 18 a 44 anos, ou seja, na que concentra a maior parcela da população economicamente ativa do País. A maior incidência de vítimas são os motoristas da categoria motocicleta, nafaixaetáriade18a34anos.

14 O Parceiro DPVAT é um programa de parceria entre uma corretora de seguros e uma Seguradora Consorciada.

15 Requisitos: Ser Pessoa Jurídica que atue no mínimo há 12 (doze) meses no mercado; Ser habilitado em todos Ramos de Seguros ou Vida. Ter aderido ao Código de Ética da FENACOR

16 Quais as vantagens? Ampliara sua imagem como agente social do seguro; Possibilidade de realizar outros seguros; Constar no rol dos pontos de atendimento oficial do Seguro DPVAT; Receber uma ajuda de custo por cada aviso de sinistro realizado; Ter acesso ao SIS DPVATSINISTROS, para acompanhamento dos processos; Receber treinamento gratuito.

17 O (a) corretor (a) deverá ser indicado por proprietários (PF ou PJ) de veículos de transportes coletivos.

18 Requisitos: Ser Pessoa Física ou Pessoa Jurídica; Ser habilitado em Todos os Ramos de Seguros.

19 Quais as vantagens? Quando o proprietário da empresa de ônibus pagar o prêmio do Seguro DPVAT(anualmente) de cada veículo, 8% dovalordoprêmiotarifáriopagodecada veículo será depositado pela Seguradora LíderDPVATnacontado(a)corretor(a); * Comissão prevista, segundo Resolução CNSP 273/2012.

20 Exemplo: Valor do Seguro DPVAT de um ônibus(3): R$ 396,49 R$396,49X8%=R$31,71 Frota100ônibus=R$3.171,00

21 Arenovaçãoéautomática,ouseja,o (a) corretor (a) fará a captação dos documentos apenas uma vez junto ao(s) proprietário(s), visto que todo ano, quando o proprietário pagar o Seguro DPVAT, a comissão estará garantida.

22 Forma de credenciamento: Realizar o pré-cadastro no site da Seguradora Líder DPVAT. Quem procurar em caso de dúvidas? Site: ww.seguradoralider.com.br alider.com.br SACDPVAT:

23 Você pode colaborar com a divulgação e informação do Seguro DPVAT e impedir a atuação de atravessadores no processo simples de recebimento da indenização.

24 OBRIGADA! Foi um prazer estar com vocês. Fico à disposição para quaisquer perguntas... vera.cataldo (21)

O QUE É DPVAT? VALORES DE INDENIZAÇÃO

O QUE É DPVAT? VALORES DE INDENIZAÇÃO DPVAT O QUE É DPVAT? Toda a facilidade para vítimas, beneficiários, corretores de seguro e hospitais no atendimento aos processos de indenização do Seguro Obrigatório. O Seguro DPVAT foi criado com o objetivo

Leia mais

Um seguro de responsabilidade civil contra danos pessoais obrigatório, criado há 37 anos por Lei Federal (Lei n o 6.194/74).

Um seguro de responsabilidade civil contra danos pessoais obrigatório, criado há 37 anos por Lei Federal (Lei n o 6.194/74). Setembro 2012 O que é Um seguro de responsabilidade civil contra danos pessoais obrigatório, criado há 37 anos por Lei Federal (Lei n o 6.194/74). Objetivo Cobrir Danos Pessoais causados por Veículos Automotores

Leia mais

CIRCULAR SUSEP N o 451, de 17 de outubro de 2012 ANEXO

CIRCULAR SUSEP N o 451, de 17 de outubro de 2012 ANEXO Fl. 2 da CIRCULAR SUSEP N o 451, de 17 de outubro de 2012. CIRCULAR SUSEP N o 451, de 17 de outubro de 2012 ANEXO INSTRUÇÕES COMPLEMENTARES PARA A OPERAÇÃO DO SEGURO OBRIGATÓRIO DE DANOS PESSOAIS CAUSADOS

Leia mais

CIRCULAR SUSEP N o 373, de 27 de agosto de 2008.

CIRCULAR SUSEP N o 373, de 27 de agosto de 2008. MINISTÉRIO DA FAZENDA Superintendência de Seguros Privados CIRCULAR SUSEP N o 373, de 27 de agosto de 2008. Altera e consolida as instruções complementares para a operação do Seguro Obrigatório de Danos

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DO RIO DE JANEIRO

CÂMARA MUNICIPAL DO RIO DE JANEIRO 2006 N.º Despacho PROJETO DE LEI N.º 942/2006 TORNA OBRIGATÓRIA A AFIXAÇÃO DE CARTAZ INFORMATIVO SOBRE O SEGURO OBRIGATÓRIO DE DANOS PESSOAIS CAUSADOS POR VEÍCULOS AUTOMOTORES DE VIA TERRESTRE (DPVAT),

Leia mais

Nº DO SINISTRO CAMPO PREENCHIDO PELA SEGURADORA

Nº DO SINISTRO CAMPO PREENCHIDO PELA SEGURADORA AUTORIZAÇÃO DE PAGAMENTO DE INDENIZAÇÃO DO SEGURO DPVAT Nº DO SINISTRO CAMPO PREENCHIDO PELA SEGURADORA Este formulário deve ser preenchido exclusivamente com dados do beneficiário da indenização do Seguro

Leia mais

CARTILHA DPVAT. Todo proprietário de veículo é obrigado a pagar anualmente o seguro obrigatório, sob pena de não licenciar o veículo junto ao DETRAN.

CARTILHA DPVAT. Todo proprietário de veículo é obrigado a pagar anualmente o seguro obrigatório, sob pena de não licenciar o veículo junto ao DETRAN. CARTILHA DPVAT - Apresentação Esta cartilha nasceu da constatação dos Promotores de Justiça, que atuam nas Varas de Delitos de Trânsito e nos Juizados Especiais Criminais, de que grande parte das vítimas

Leia mais

SUPERINTENDENTE DA SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS - SUSEP

SUPERINTENDENTE DA SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS - SUSEP SUPERINTENDENTE DA SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS - SUSEP Circular nº 266 de 25.08.2004 Dispõe sobre instruções complementares para a operação do seguro obrigatório de danos pessoais causados por

Leia mais

CAPÍTULO I DO ENVIO DE RELATÓRIOS TRIMESTRAIS

CAPÍTULO I DO ENVIO DE RELATÓRIOS TRIMESTRAIS Fls. 2 da CIRCULAR SUSEP N o 266, de 25 de agosto de 2004. CIRCULAR SUSEP N o 266, de 25 de agosto de 2004 ANEXO INSTRUÇÕES COMPLEMENTARES PARA A OPERAÇÃO DO SEGURO OBRIGATÓRIO DE DANOS PESSOAIS CAUSADOS

Leia mais

Indenizações Pagas Quantidades

Indenizações Pagas Quantidades Natureza da Indenização Jan a Dez 2011 % Jan a Dez 2012 % Jan a Dez 2012 x Jan a Dez 2011 Morte 58.134 16% 60.752 12% 5% Invalidez Permanente 239.738 65% 352.495 69% 47% Despesas Médicas (DAMS) 68.484

Leia mais

SEGURO DE ACIDENTES PESSOAIS COLETIVO POR PRAZO CERTO

SEGURO DE ACIDENTES PESSOAIS COLETIVO POR PRAZO CERTO SEGURO DE ACIDENTES PESSOAIS COLETIVO POR PRAZO CERTO 2 Seguro de Acidentes Pessoais Coletivo por Prazo Certo MANUAL DO CLIENTE Bem-vindo à CAPEMISA. Parabéns, você acaba de adquirir um produto garantido

Leia mais

PROPOSTA DE FISCALIZAÇÃO E CONTROLE Nº 31, DE 2004. RELATÓRIO PRÉVIO (reformulado)

PROPOSTA DE FISCALIZAÇÃO E CONTROLE Nº 31, DE 2004. RELATÓRIO PRÉVIO (reformulado) PROPOSTA DE FISCALIZAÇÃO E CONTROLE Nº 31, DE 2004. RELATÓRIO PRÉVIO (reformulado) Propõe que a Comissão de Finanças e Tributação realize ato de fiscalização e controle, por meio de órgão competente, acerca

Leia mais

SEGURADORA LÍDER DOS CONSÓRCIOS DO SEGURO DPVAT S.A

SEGURADORA LÍDER DOS CONSÓRCIOS DO SEGURO DPVAT S.A REF.: Memorial Informativo sobre o Seguro DPVAT SEGURADORA LÍDER DOS CONSÓRCIOS DO SEGURO DPVAT S.A., sociedade anônima de direito privado, CNPJ 09.248.608/0001-04, com sede na Rua Senador Dantas n. 74,

Leia mais

SEGURO DPVAT LISTA DE SEGURADORAS QUE FAZEM PARTE DOS CONSÓRCIOS DO SEGURO DPVAT

SEGURO DPVAT LISTA DE SEGURADORAS QUE FAZEM PARTE DOS CONSÓRCIOS DO SEGURO DPVAT SEGURO DPVAT LISTA DE SEGURADORAS QUE FAZEM PARTE DOS CONSÓRCIOS DO SEGURO DPVAT PERGUNTAS E RESPOSTAS - SEGURO DPVAT: I - O que é DPVAT? II - O que cobre e o que não cobre o Seguro DPVAT? III - Quais

Leia mais

OPERADORAS DE SAÚDE. Mariana Braga Shoji Barbosa Enfermagem UNIFESP mariana_shoji@yahoo.com.br

OPERADORAS DE SAÚDE. Mariana Braga Shoji Barbosa Enfermagem UNIFESP mariana_shoji@yahoo.com.br OPERADORAS DE SAÚDE Mariana Braga Shoji Barbosa Enfermagem UNIFESP mariana_shoji@yahoo.com.br O que são Operadoras de saúde? O que são Operadoras de saúde? Operadora é a pessoa jurídica que opera ( administra,

Leia mais

www.blabus.com.br DICAS Seguro DPVAT

www.blabus.com.br DICAS Seguro DPVAT www.blabus.com.br DICAS Seguro DPVAT 1. O que é DPVAT? É o Seguro Obrigatório de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Vias Terrestres, ou por sua Carga, a Pessoas Transportadas ou Não (Seguro

Leia mais

Mensagem do Diretor. Conte conosco! Jabson Magalhães da Silva

Mensagem do Diretor. Conte conosco! Jabson Magalhães da Silva Mensagem do Diretor A Adventist Risk Management Sul-Americana é uma parceira da Divisão Sul-Americana referente à administração de riscos. Nosso trabalho é identificar e eliminar riscos que possam impedir

Leia mais

De janeiro a junho de 2013 as indenizações pagas pelo Seguro DPVAT registraram crescimento de 38% ante mesmo período de 2012.

De janeiro a junho de 2013 as indenizações pagas pelo Seguro DPVAT registraram crescimento de 38% ante mesmo período de 2012. De janeiro a junho de 2013 as indenizações pagas pelo Seguro DPVAT registraram crescimento de 38% ante mesmo período de 2012. Os casos de Invalidez Permanente representaram a maioria das indenizações pagas

Leia mais

Parabéns! Agora que a sua cota já está contemplada e você já recebeu sua CARTA DE CRÉDITO, você poderá concretizar o seu projeto.

Parabéns! Agora que a sua cota já está contemplada e você já recebeu sua CARTA DE CRÉDITO, você poderá concretizar o seu projeto. Orientações para aquisição de Bens Móveis Parabéns! Agora que a sua cota já está contemplada e você já recebeu sua CARTA DE CRÉDITO, você poderá concretizar o seu projeto. Lembrando que a análise do seu

Leia mais

MANUAL DE ORIENTAÇÕES AO CIDADÃO DPVAT

MANUAL DE ORIENTAÇÕES AO CIDADÃO DPVAT MANUAL DE ORIENTAÇÕES AO CIDADÃO DPVAT Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre, ou por sua carga, a pessoas transportadas ou não. CENTROS INTEGRADOS / CAOP do Consumidor

Leia mais

CAPEMISA SEGURADORA DE VIDA E PREVIDÊNCIA S/A Manual do Cliente Siga Seguro Versão Mai./12

CAPEMISA SEGURADORA DE VIDA E PREVIDÊNCIA S/A Manual do Cliente Siga Seguro Versão Mai./12 2 SIGA SEGURO MANUAL DO CLIENTE Bem-vindo à CAPEMISA. O SIGA SEGURO é um seguro de acidente pessoal coletivo por prazo certo, garantido pela CAPEMISA Seguradora de Vida e Previdência S/A. Prevenir é sempre

Leia mais

Seguro de Acidentes Pessoais

Seguro de Acidentes Pessoais Seguro de Acidentes Pessoais 1. O que é? Trata-se de um seguro de acidentes pessoais que garante indenização em caso de morte ou invalidez permanente total, ambos por motivo de acidente. 2. O que mais

Leia mais

RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO

RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO Gestão das Operações do Seguro DPVAT A Seguradora Líder-DPVAT, responsável pela administração das operações dos Consórcios do Seguro DPVAT, dos quais participam 73 Seguradoras,

Leia mais

RESOLUÇÃO CNSP N o 109, DE 2004.

RESOLUÇÃO CNSP N o 109, DE 2004. RESOLUÇÃO CNSP N o 109, DE 2004. Altera e consolida as Normas Disciplinadoras do Seguro Obrigatório de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre, ou por sua Carga, a Pessoas Transportadas

Leia mais

RESOLUÇÃO CNSP Nº 56, DE 2001.

RESOLUÇÃO CNSP Nº 56, DE 2001. RESOLUÇÃO CNSP Nº 56, DE 2001. Aprova as Normas Disciplinadoras do Seguro Obrigatório de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Vias Terrestres, ou por sua carga, a pessoas transportadas ou

Leia mais

Projeto Seguro DPVAT

Projeto Seguro DPVAT SEGURO DPVAT Projeto Seguro DPVAT Contribuindo com a Responsabilidade Social, o Sincor-Go através das Unidades de Atendimento oferece a população goiana atendimento gratuito no processo do DPVAT, serviço

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS. RESOLUÇÃO CNSP N o 273, de 2012.

MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS. RESOLUÇÃO CNSP N o 273, de 2012. MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS RESOLUÇÃO CNSP N o 273, de 2012. Altera e consolida as normas do Seguro Obrigatório de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via

Leia mais

RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO

RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO Senhores Acionistas RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO Submetemos à apreciação de V.Sas. as demonstrações financeiras relativas ao semestre findo em 30 de junho de 2011, acompanhadas das respectivas notas explicativas

Leia mais

ABS SENIOR BRADESCO. Grupo Segurado. Coberturas. Capital Segurado. Assistência Funeral. Pessoas físicas de 60 a 80 anos.

ABS SENIOR BRADESCO. Grupo Segurado. Coberturas. Capital Segurado. Assistência Funeral. Pessoas físicas de 60 a 80 anos. ABS SENIOR BRADESCO Grupo Segurado Pessoas físicas de 60 a 80 anos. Coberturas Variável em função da idade e do plano escolhido. Capital Segurado Morte por causas naturais ou acidentais. Assistência Funeral

Leia mais

Mensagem do Diretor. Conte conosco! Jabson Magalhães da Silva

Mensagem do Diretor. Conte conosco! Jabson Magalhães da Silva Mensagem do Diretor A Adventist Risk Management Sul-Americana é uma parceira da Divisão Sul-Americana referente à administração de riscos. Nosso trabalho é identificar e eliminar riscos que possam impedir

Leia mais

A representação institucional do mercado segurador

A representação institucional do mercado segurador A representação institucional do mercado segurador A Confederação Nacional das Empresas de Seguros Gerais, Previdência Privada e Vida, Saúde Suplementar e Capitalização CNseg é a entidade de representação

Leia mais

a. Danos materiais (roubo, colisão ou incêndio de veículos); b. Acidentes ocorridos fora do território nacional;

a. Danos materiais (roubo, colisão ou incêndio de veículos); b. Acidentes ocorridos fora do território nacional; O que é DPVAT? É o Seguro Obrigatório de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Vias Terrestres (DPVAT), criado pela Lei n 6.194/74 com a finalidade de amparar as vítimas de acidentes de trânsito

Leia mais

SEGURO DE ACIDENTES PESSOAIS INDIVIDUAL. Condições Especiais

SEGURO DE ACIDENTES PESSOAIS INDIVIDUAL. Condições Especiais SEGURO DE ACIDENTES PESSOAIS INDIVIDUAL Condições Especiais Processo SUSEP Nº 15414.004703/2010-01 0 ÍNDICE CLÁUSULA ADICIONAL DE INVALIDEZ PERMANENTE TOTAL OU PARCIAL POR ACIDENTE AUTOMOBILÍSTICO NO BRASIL

Leia mais

RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO

RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO Jornal Valor Econômico - CAD A - BRASIL - 26/2/2016 (18:40) - Página 17- Cor: BLACKCYANMAGENTAYELLOW Sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016 Valor A17 O Seguro DPVAT indeniza as vítimas de acidentes com veículos

Leia mais

COMUNICADO MASTER 01/04/2015. Ref.: Sinistros ocasionados por Motocicleta ( veículo categoria 9 )

COMUNICADO MASTER 01/04/2015. Ref.: Sinistros ocasionados por Motocicleta ( veículo categoria 9 ) COMUNICADO MASTER 01/04/2015 Ref.: Sinistros ocasionados por Motocicleta ( veículo categoria 9 ) Sr. Usuário, Ratificando o Comunicado de 12/02/2015 e com o objetivo de promover o aperfeiçoamento contínuo

Leia mais

RETROATIVIDADE DO SEGURO: O Protector possibilita a contratação de cobertura retroativa para fatos desconhecidos de até 3 anos.

RETROATIVIDADE DO SEGURO: O Protector possibilita a contratação de cobertura retroativa para fatos desconhecidos de até 3 anos. SEGURADO: Advogados (pessoa física) e/ou Escritórios de Advocacia (pessoa jurídica) Limite: São 6 opções entre R$ 100.000 e R$ 500.000. O limite do seguro poderá ser utilizado para um ou uma série de sinistros

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS. RESOLUÇÃO CNSP N o 154, DE 2006.

MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS. RESOLUÇÃO CNSP N o 154, DE 2006. MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS RESOLUÇÃO CNSP N o 154, DE 2006. Altera e consolida as Normas Disciplinadoras do Seguro Obrigatório de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores

Leia mais

Relato de Casos: Comissão Técnica Riscos Pessoais

Relato de Casos: Comissão Técnica Riscos Pessoais Relato de Casos: Comissão Técnica Riscos Pessoais Convidado para Diretor Sem Fronteiras Dr. Lodi Maurino Sodré Comissão indicou para os Grupos de Trabalhos e demais Comissões. A questão está na aplicação

Leia mais

MANUAL DO CLIENTE BIZVOX, UBOOK E UMBARATO

MANUAL DO CLIENTE BIZVOX, UBOOK E UMBARATO MANUAL DO CLIENTE BIZVOX, UBOOK E UMBARATO Capemisa Seguradora de Vida e Previdência S/A Versão Nov./14 2 MANUAL DO CLIENTE BIZVOX, UBOOK E UMBARATO O produto disponibilizado pelas empresas Bizvox, Ubook

Leia mais

Autorização para débitos de MULTAS, AUTUAÇÕES e IPVA.

Autorização para débitos de MULTAS, AUTUAÇÕES e IPVA. Autorização para débitos de MULTAS, AUTUAÇÕES e IPVA. Declaro para os devidos fins que autorizo à GENERALI DO BRASIL COMPANHIA DE SEGUROS a debitar de minha indenização, as MULTAS, AUTUAÇÕES e IPVA existentes

Leia mais

Indenizações Pagas Quantidades

Indenizações Pagas Quantidades Natureza da Indenização Jan a Dez 2012 % Jan a Dez 2013 % Jan a Dez 2013 x Jan a Dez 2012 Morte 60.752 1 54.767 9% - Invalidez Permanente 352.495 69% 444.206 70% 2 Despesas Médicas (DAMS) 94.668 19% 134.872

Leia mais

CERTIFICADO INDIVIDUAL DE SEGURO MAPFRE ACIDENTES PESSOAIS PREMIADO

CERTIFICADO INDIVIDUAL DE SEGURO MAPFRE ACIDENTES PESSOAIS PREMIADO Grupo Ramo 0982 Início de vigência às 24 h do dia Nº da Apólice CERTIFICADO INDIVIDUAL DE SEGURO MAPFRE ACIDENTES PESSOAIS PREMIADO Nº do Certificado Individual Fim de vigência às 24 h do dia Data da Emissão

Leia mais

COMUNICADO MASTER 19/09/2014

COMUNICADO MASTER 19/09/2014 COMUNICADO MASTER 19/09/2014 Ref.: Reprogramação de Pagamento Redução de Rejeições Bancárias Atualização da Autorização de Pagamento de Indenização do Seguro DPVAT Senhor Usuário, Mantendo nosso foco no

Leia mais

Proteção Global Escolar MAPFRE PUC-CAMPINAS CAMPINAS. Apólice nº 820.250.5000251.01

Proteção Global Escolar MAPFRE PUC-CAMPINAS CAMPINAS. Apólice nº 820.250.5000251.01 Proteção Global Escolar MAPFRE PUC-CAMPINAS CAMPINAS Apólice nº 820.250.5000251.01 COBERTURAS E CAPITAL ACIDENTES PESSOAIS * MORTE ACIDENTAL: Garante o pagamento de uma indenização, correspondente a 100%

Leia mais

SEMINÁRIO NOVA LEI GERAL DE SEGUROS

SEMINÁRIO NOVA LEI GERAL DE SEGUROS SEMINÁRIO NOVA LEI GERAL DE SEGUROS Marco Antonio Rossi Presidente da Fenaprevi Presidente da Bradesco Seguros Agenda Mercado Segurador Nacional Os direitos dos Segurados e Participantes Legislação O Brasil

Leia mais

Nº 70034654392 COMARCA DE NOVO HAMBURGO BRUNA MACHADO DE OLIVEIRA

Nº 70034654392 COMARCA DE NOVO HAMBURGO BRUNA MACHADO DE OLIVEIRA AGRAVO DE INSTRUMENTO. DECISÃO MONOCRÁTICA. AÇÃO DE COBRANÇA DE SEGURO OBRIGATÓRIO. DPVAT. LEGITIMIDADE PASSIVA. RESPONSABILIDADE DE QUALQUER SEGURADORA INTEGRANTE DO CONSÓRCIO. INCLUSÃO DA SEGURADORA

Leia mais

Procedimento GRATUITO E SIMPLES

Procedimento GRATUITO E SIMPLES Procedimento GRATUITO E SIMPLES O Seguro DPVAT Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre cobre vidas no trânsito. É o único que, em caso de acidente, garante a cobertura de toda

Leia mais

RETROATIVIDADE DO SEGURO: O Protector possibilita a contratação de cobertura retroativa para fatos desconhecidos de até 5 anos.

RETROATIVIDADE DO SEGURO: O Protector possibilita a contratação de cobertura retroativa para fatos desconhecidos de até 5 anos. SEGURADO: Corretores de seguros (pessoa física) e/ou Corretoras de Seguros (pessoa jurídica) Limite: São 6 opções entre R$ 100.000 e R$ 500.000. O limite do seguro poderá ser utilizado para um ou uma série

Leia mais

LEI Nº 6.194, DE 19 DE DEZEMBRO DE 1974. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, faço saber que o CONGRESSO NACIONAL decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

LEI Nº 6.194, DE 19 DE DEZEMBRO DE 1974. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, faço saber que o CONGRESSO NACIONAL decreta e eu sanciono a seguinte Lei: LEI Nº 6.194, DE 19 DE DEZEMBRO DE 1974 Dispõe sobre Seguro Obrigatório de Danos Pessoais causados por veículos automotores de via terrestre, ou por sua carga, a pessoas transportadas ou não. O PRESIDENTE

Leia mais

CAPÍTULO I DO SEGURO DPVAT

CAPÍTULO I DO SEGURO DPVAT MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS RESOLUÇÃO CNSP n.º XXXX, de 2015. Dispõe sobre os danos pessoais cobertos, indenizações, regulação dos sinistros, prêmio e administração dos

Leia mais

RETROATIVIDADE DO SEGURO: O Protector possibilita a contratação de cobertura retroativa para fatos desconhecidos de até 5 anos.

RETROATIVIDADE DO SEGURO: O Protector possibilita a contratação de cobertura retroativa para fatos desconhecidos de até 5 anos. SEGURADO: Médicos (pessoa física) ou Clinicas e Consultórios (pessoa jurídica) Limite: São 6 opções entre R$ 100.000 e R$ 500.000. O limite do seguro poderá ser utilizado para um ou uma série de sinistros

Leia mais

www.ouroseguros.com.br

www.ouroseguros.com.br Empreenda em uma das áreas mais rentáveis e que mais cresce no Brasil: Crescimento de 8, 5% em relação ao ano de 2013 251 bilhões em prêmios arrecadados 119 bilhões em indenizações, benefícios e resgates

Leia mais

RETROATIVIDADE DO SEGURO: O Protector possibilita a contratação de cobertura retroativa para fatos desconhecidos de até 5 anos.

RETROATIVIDADE DO SEGURO: O Protector possibilita a contratação de cobertura retroativa para fatos desconhecidos de até 5 anos. SEGURADO: Diretor, Conselheiro, CEO, CFO ou cargo Equivalente (pessoa física) Limite: São 6 opções entre R$ 100.000 e R$ 500.000. O limite do seguro poderá ser utilizado para um ou uma série de sinistros

Leia mais

Nova Lista de Verificação Seguro de Auto Versão 01 (julho/2012)

Nova Lista de Verificação Seguro de Auto Versão 01 (julho/2012) LISTA DE VERIFICAÇÃO CIRCULARES SUSEP N os 256 e 269/04 E OUTROS NORMATIVOS DESCRIÇÃO ATENÇÃO: No preenchimento da Lista de Verificação, para os itens informativos, a coluna Fls. deverá ser marcada com

Leia mais

COMUNICADO MASTER 01/12/2014

COMUNICADO MASTER 01/12/2014 COMUNICADO MASTER 01/12/2014 Ref.: Declaração do Proprietário do Veículo Sr., Com o objetivo de promover o aperfeiçoamento contínuo de nossas operações e, principalmente, para que se possa comprovar o

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS. RESOLUÇÃO CNSP N o 128, DE 2005.

MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS. RESOLUÇÃO CNSP N o 128, DE 2005. MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS RESOLUÇÃO CNSP N o 128, DE 2005. Aprova as Normas Disciplinadoras e os Elementos Mínimos que, obrigatoriamente, devem constar do bilhete do Seguro

Leia mais

DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA ABERTURA DE SINISTRO VIAGEM INTERNACIONAL

DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA ABERTURA DE SINISTRO VIAGEM INTERNACIONAL DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA ABERTURA DE SINISTRO VIAGEM INTERNACIONAL Prezado(a) cliente: Para nós é importante oferecer a você o apoio necessário neste momento. Ocorrendo um evento coberto, ele deverá

Leia mais

RETROATIVIDADE DO SEGURO: O Protector possibilita a contratação de cobertura retroativa para fatos desconhecidos de até 5 anos.

RETROATIVIDADE DO SEGURO: O Protector possibilita a contratação de cobertura retroativa para fatos desconhecidos de até 5 anos. SEGURADO: Sócio Administrador (Pessoa Física) Limite: São 6 opções entre R$ 100.000 e R$ 500.000. O limite do seguro poderá ser utilizado para um ou uma série de sinistros indenizados durante a vigência

Leia mais

Seguro de Vida em Grupo

Seguro de Vida em Grupo Seguro de Vida em Grupo 01 Objetivo Visa garantir a continuidade econômica da família na falta do titular ou cônjuge e principalmente após a aposentadoria beneficiar o segurado em vida, nos casos de invalidez

Leia mais

RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO

RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO O Seguro DPVAT indeniza as vítimas de acidentes com veículos, ocorridos dentro do País, sejam pedestres, passageiros ou motoristas. As indenizações são pagas pelo Seguro DPVAT,

Leia mais

SEGURO RCO / APP CARTILHA RESUMIDA

SEGURO RCO / APP CARTILHA RESUMIDA SEGURO RCO / APP CARTILHA RESUMIDA Uma parceria de sucesso A parceria entre ESSOR e LIVONIUS foi criada para inovar ainda mais o mercado de seguros, unindo competência técnica e experiência em modernização.

Leia mais

Conhecimentos Bancários. Item 2.3.3- Seguros

Conhecimentos Bancários. Item 2.3.3- Seguros Conhecimentos Bancários Item 2.3.3- Seguros Conhecimentos Bancários Item 2.3.3- Seguros Insegurança nas atividades cotidianas SEGURO Necessidade de controlar o RISCO! Conhecimentos Bancários Item 2.3.3-

Leia mais

AULA 05. Sistema Nacional de Seguros Privados

AULA 05. Sistema Nacional de Seguros Privados AULA 05 Sistema Nacional de Seguros Privados Sistema Nacional de Seguros Privados O Sistema Nacional de Seguros Privados do Brasil (SNSP) - parte integrante do Sistema Financeiro Nacional - é formado por

Leia mais

Tranquilidade em vida. Quem precisa tem. SEGURADORA

Tranquilidade em vida. Quem precisa tem. SEGURADORA Tranquilidade em vida. Quem precisa tem. SEGURADORA Quem somos A BMG Seguradora S.A. iniciou suas atividades em outubro de 1977 sob a denominação social de CONAPP - Companhia Nacional de Seguros, quando

Leia mais

Cadastro das Principais

Cadastro das Principais 46 Cenário Econômico Cadastro das Principais Corretoras de Seguros Primeiras conclusões Francisco Galiza O estudo ESECS (Estudo Socioeconômico das Corretoras de Seguros), divulgado pela Fenacor em 2013,

Leia mais

SECRETARIA DA JUSTIÇA E DA DEFESA DA CIDADANIA FUNDAÇÃO DE PROTEÇÃO E DEFESA DO CONSUMIDOR DIRETORIA DE ESTUDOS E PESQUISAS

SECRETARIA DA JUSTIÇA E DA DEFESA DA CIDADANIA FUNDAÇÃO DE PROTEÇÃO E DEFESA DO CONSUMIDOR DIRETORIA DE ESTUDOS E PESQUISAS Resultados dos estudos sobre a redução de taxas de juros praticadas por bancos públicos e privados. Orientações aos consumidores. Face aos diversos anúncios de redução de juros veiculados na mídia a partir

Leia mais

SEGUROS. Manual de Seguros. Banco Mercedes-Benz do Brasil S/A

SEGUROS. Manual de Seguros. Banco Mercedes-Benz do Brasil S/A SEGUROS Manual de Seguros Banco Mercedes-Benz do Brasil S/A 2013 SUMÁRIO 1. CONCEITOS... 3 1.1. Objeto do Seguro... 3 1.2. Tipos de Seguro... 3 1.3. Vigência... 3 2. COBERTURAS ADICIONAIS... 4 2.1. Responsabilidade

Leia mais

RESOLUÇÃO CNSP N o 296, DE 2013.

RESOLUÇÃO CNSP N o 296, DE 2013. MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS RESOLUÇÃO CNSP N o 296, DE 2013. Dispõe sobre as regras e os critérios para operação do seguro de garantia estendida, quando da aquisição de

Leia mais

ARM Sul Americana Unibrás Corretora de Seguros. Proposta de Seguro de Excursão

ARM Sul Americana Unibrás Corretora de Seguros. Proposta de Seguro de Excursão ARM Sul Americana Unibrás Corretora de Seguros Proposta de Seguro de Excursão Brasília, 01 de fevereiro de 2011 Proposta de Seguro de Excursão Seguradora: MAPFRE Seguros 1. Descrição Este seguro é um produto

Leia mais

Antena corta pipa R$ 25,00 Colete R$ 65,00 Protetor de pernas R$ 39,90 Baú R$ 67,00 Kit faixa refletiva R$ 25,00

Antena corta pipa R$ 25,00 Colete R$ 65,00 Protetor de pernas R$ 39,90 Baú R$ 67,00 Kit faixa refletiva R$ 25,00 Antena corta pipa R$ 25,00 Colete R$ 65,00 Protetor de pernas R$ 39,90 Baú R$ 67,00 Kit faixa refletiva R$ 25,00 Modelo Moto 72 meses 60 meses Honda CG 150 Titan EX R$ 143,72 R$ 168,86 2 Edição 39 MAIO

Leia mais

Lei nº 6.194/74 - Quadro comparativo

Lei nº 6.194/74 - Quadro comparativo Lei nº 6.194/74 - Quadro comparativo Apresentamos abaixo um quadro comparando a redação original da Lei nº 6.194/74 (com as modificações da Lei nº 8.441/92) e a situação atual resultante das alterações

Leia mais

Seguro de Acidentes Pessoais Coletivo para Eventos Resumo das Condições Contratuais

Seguro de Acidentes Pessoais Coletivo para Eventos Resumo das Condições Contratuais Seguro de Acidentes Pessoais Coletivo para Eventos Resumo das Condições Contratuais Fica determinado que as condições específicas, estabelecidas na Proposta de Contratação e nessas Condições Contratuais,

Leia mais

Bem-vindo(a) à Capemisa.

Bem-vindo(a) à Capemisa. MANUAL DO SEGURADO Bem-vindo(a) à Capemisa. Seguro de Acidentes Pessoais, garantido pela Capemisa Seguradora de Vida e Previdência S/A. Esse manual aborda os principais tópicos das Condições Contratuais

Leia mais

BILHETEPREMIÁVEL. Capemisa Seguradora de Vida e Previdência S/A Versão Ago./14

BILHETEPREMIÁVEL. Capemisa Seguradora de Vida e Previdência S/A Versão Ago./14 BILHETEPREMIÁVEL Capemisa Seguradora de Vida e Previdência S/A Versão Ago./14 2 BILHETE PREMIÁVEL CAPEMISA MANUAL DO CLIENTE Bem-vindo à CAPEMISA. O Bilhete Premiável Capemisa é um Seguro de Acidentes

Leia mais

Se você for substituir o seu bem por um USADO, providenciar a vistoria do bem (se for um bem NOVO, passar para o 2º passo)

Se você for substituir o seu bem por um USADO, providenciar a vistoria do bem (se for um bem NOVO, passar para o 2º passo) Orientações para Substituição de Garantia Bens Móveis Nesse documento você encontra todas as orientações para concluir a substituição do bem adquirido no Consórcio, de maneira ágil e fácil. Esse processo

Leia mais

CIRCULAR SUSEP Nº 373/2008 Ter, 24 de Março de :01 - Última atualização Ter, 24 de Março de :05

CIRCULAR SUSEP Nº 373/2008 Ter, 24 de Março de :01 - Última atualização Ter, 24 de Março de :05 CIRCULAR SUSEP Nº 373, de 27 de agosto de 2008. Altera e consolida as instruções complementares para a operação do Seguro Obrigatório de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre,

Leia mais

Resolução CNSP Nº 315 DE 26/09/2014 Publicado no DO em 29 set 2014

Resolução CNSP Nº 315 DE 26/09/2014 Publicado no DO em 29 set 2014 Resolução CNSP Nº 315 DE 26/09/2014 Publicado no DO em 29 set 2014 Dispõe sobre as regras e os critérios para operação do seguro viagem. A Superintendência de Seguros Privados - SUSEP, no uso da atribuição

Leia mais

PRODUTOS PARA VOCÊ TRADIÇÃO E QUALIDADE EM SERVIÇOS!

PRODUTOS PARA VOCÊ TRADIÇÃO E QUALIDADE EM SERVIÇOS! PRODUTOS PARA VOCÊ TRADIÇÃO E QUALIDADE EM SERVIÇOS! sdfgdfhfdgfsgfdgfsdg sdfgsdgsfdgfd PRODUTOS PARA VOCÊ PRODUTOS PARA VOCÊ Simples e econômico: com apenas uma apólice, toda sua frota fica segurada.

Leia mais

O SEU PROCESSODE SINISTROS

O SEU PROCESSODE SINISTROS O SEU PROCESSODE SINISTROS O SEU PROCESSO 1. Abertura 1.1. Entre em contato com a seguradora para realizar a abertura do sinistro (portando DOCUMENTO DO VEÍCULO + CNH) ou se preferir ligue para a gente

Leia mais

PARCERIA: PROJETO ATLETA SEGURO

PARCERIA: PROJETO ATLETA SEGURO PARCERIA: PROJETO ATLETA SEGURO A LEI PELÉ e a MP DO FUTEBOL Na Lei nº 9.615/98, artigo 45, obriga a contratação do Seguro de Vida e Acidentes Pessoais para os atletas pelos clubes, mas a lei não é respeitada

Leia mais

O mundo é melhor quando a vida é mais segura. Prontos para o amanhã

O mundo é melhor quando a vida é mais segura. Prontos para o amanhã O mundo é melhor quando a vida é mais segura. Prontos para o amanhã AIG Marca sinônimo de excelência em gestão de riscos. Com atuação global, a AIG é reconhecida como referência no mercado de seguros.

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DO SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL PROFISIONAL. TECNOLOGIA EM SEGUROS

A IMPORTÂNCIA DO SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL PROFISIONAL. TECNOLOGIA EM SEGUROS A IMPORTÂNCIA DO SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL PROFISIONAL. A RESPONSABILIDADE CIVIL A responsabilidade civil é caracterizada pela falta de intenção de prejudicar o outro. Ou seja, possibilidade existente

Leia mais

DECRETO Nº 61.867, DE 07 DE DEZEMBRO DE 1967

DECRETO Nº 61.867, DE 07 DE DEZEMBRO DE 1967 DECRETO Nº 61.867, DE 07 DE DEZEMBRO DE 1967 Regulamenta os seguros obrigatórios previstos no artigo 20 do Decreto-lei nº 73, de 21.11.66, e dá outras providências O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, usando da

Leia mais

DECRETO Nº 61.867, DE 07 DE DEZEMBRO DE 1967: Regulamenta os seguros

DECRETO Nº 61.867, DE 07 DE DEZEMBRO DE 1967: Regulamenta os seguros DECRETO Nº 61.867, DE 07 DE DEZEMBRO DE 1967: Regulamenta os seguros obrigatórios previstos no artigo 20 do Decreto-lei nº 73, de 21.11.66, e dá outras providências. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, usando da

Leia mais

DPVAT. Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre. REDE TRÂNSITO

DPVAT. Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre. REDE TRÂNSITO DPVAT Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre SUMÁRIO 1. O que é 1.1. Coberturas 1.2. Valores de indenização 1.3. Vigência 2. Quem pode usar 2.1. Veículos não identificados 2.2.

Leia mais

Apresentação. Prezado beneficiário,

Apresentação. Prezado beneficiário, LANOIII Apresentação Prezado beneficiário, Visando dar continuidade à prestação dos melhores serviços em saúde e promover uma melhor qualidade de vida ao beneficiário, a CompesaPrev apresenta o CompesaSaúde

Leia mais

MINUTA DE RESOLUÇÃO. Art.1º Dispor sobre as regras e os critérios para operação do seguro Viagem.

MINUTA DE RESOLUÇÃO. Art.1º Dispor sobre as regras e os critérios para operação do seguro Viagem. MINUTA DE RESOLUÇÃO A SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS SUSEP, no uso da atribuição que lhe confere o art. 34, inciso XI, do Decreto nº 60.459, de 13 de março de l967, e considerando o inteiro teor

Leia mais

CONDIÇÕES PARTICULARES SEGURO DE PESSOAS PLANO DE SEGURO PROTEÇÃO PESSOAL PREMIADA I ACE SEGURADORA S.A. CNPJ: : 03.502.

CONDIÇÕES PARTICULARES SEGURO DE PESSOAS PLANO DE SEGURO PROTEÇÃO PESSOAL PREMIADA I ACE SEGURADORA S.A. CNPJ: : 03.502. CONDIÇÕES PARTICULARES SEGURO DE PESSOAS PLANO DE SEGURO PROTEÇÃO PESSOAL PREMIADA I ACE SEGURADORA S.A. CNPJ: : 03.502.099/0001-18 18 Processo Susep: 10.002766-00 00-19 Apólice: 10.82 82.82.000 82.000933

Leia mais

Zurich: um parceiro de nível mundial

Zurich: um parceiro de nível mundial Zurich: um parceiro de nível mundial Países com escritório ZURICH Países que temos potencialidades Fundado em 1872 Presente em mais de 60 países Um dos líderes globais da indústria de seguros Entre os

Leia mais

BMG MAIS. Treinamento

BMG MAIS. Treinamento BMG MAIS Treinamento SEGURO de Acidentes Pessoais BMG MAIS Assistência Funeral Auxílio Cesta básica Sorteios Cobertura de Morte Acidental Benefícios em vida Fácil contratação 2 Conceito Trata-se de um

Leia mais

SEGURO DPEM PERGUNTAS E RESPOSTAS - SEGURO DPEM:

SEGURO DPEM PERGUNTAS E RESPOSTAS - SEGURO DPEM: SEGURO DPEM PERGUNTAS E RESPOSTAS - SEGURO DPEM: I - O que é DPEM? II - O que cobre e o que não cobre o Seguro DPEM? III - Quanto vou receber se for vítima de acidente coberto pelo seguro? IV - É possível

Leia mais

Aspectos relevantes do microseguro e do seguro popular. Por Carlos Eduardo Cavalcante Ramos

Aspectos relevantes do microseguro e do seguro popular. Por Carlos Eduardo Cavalcante Ramos 1 Aspectos relevantes do microseguro e do seguro popular Por Carlos Eduardo Cavalcante Ramos Definição e público alvo. Produtos e canais de distribuição. Regulamentação do microsseguro no Brasil. Tendências

Leia mais

4. É possível receber mais de uma indenização em decorrência de um mesmo acidente em coberturas diferentes?

4. É possível receber mais de uma indenização em decorrência de um mesmo acidente em coberturas diferentes? www.blabus.com.br DICAS Seguro DPEM. O que é DPEM? O seguro DPEM foi instituído pela Lei nº 8.74, de 0//9, que em seu artigo º alterou a alínea "l" do artigo 0 do Decreto lei nº 7, de //66. Tem por finalidade

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS. RESOLUÇÃO CNSP n.º XXX, de DD de MMM de 2016.

MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS. RESOLUÇÃO CNSP n.º XXX, de DD de MMM de 2016. MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS RESOLUÇÃO CNSP n.º XXX, de DD de MMM de 2016. Aprovar as regras para a operação do Seguro Obrigatório de Danos Pessoais Causados por Embarcações

Leia mais

PROJETO BÁSICO GRAMADOTUR

PROJETO BÁSICO GRAMADOTUR PROJETO BÁSICO GRAMADOTUR 1 Projeto Básico da Contratação de Serviços: 1.1 O presente Projeto Básico consiste na contratação de empresa para prestação de serviços de seguro de responsabilidade civil geral

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS RESERVE CLUBCAR

CONDIÇÕES GERAIS RESERVE CLUBCAR Seja bem-vindo à Blue Service Assistance, a opção mais vantajosa em assistência e clube de vantagens. É uma enorme satisfação ter você como nosso associado. A Blue Service Assistance está cada vez mais

Leia mais

A SAÚDE SUPLEMENTAR E A REGULAÇÃO

A SAÚDE SUPLEMENTAR E A REGULAÇÃO A SAÚDE SUPLEMENTAR E A REGULAÇÃO IBDESS Fevereiro/2010 Fausto Pereira dos Santos Diretor-Presidente Vínculos a planos privados de assistência à saúde e registros no cadastro: Brasil (2000 2009) (milhões)

Leia mais

PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR Nº, DE 2015

PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR Nº, DE 2015 PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR Nº, DE 2015 (Do Senhor Lucas Vergílio) Dá nova redação ao art. 20 do Decreto-Lei nº 73, de 21 de novembro de 1966, para instituir o seguro obrigatório de responsabilidade civil

Leia mais