Teoria geral dos recursos e apelação. 1. Normais fundamentais 2. Classificação 3. Princípios 4. Efeitos dos recursos 5. Apelação

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Teoria geral dos recursos e apelação. 1. Normais fundamentais 2. Classificação 3. Princípios 4. Efeitos dos recursos 5. Apelação"

Transcrição

1 1. Normais fundamentais 2. Classificação 3. Princípios 4. Efeitos dos recursos 5. Apelação

2 1. Normais fundamentais: Duração razoável : rol AI, IRDR, RE e REsp repetitivos. Isonomia: Vinculação dos precedentes; súmulas vinculantes Primazia do julgamento de mérito: saneamento vícios; complementação do preparo; STF e no STJ podem desconsiderar vícios quando não o reputarem graves; fungibilidade do RE e Resp.

3 1. Normais fundamentais: Prazos Dias úteis - apenas prazos processuais (art. 219) Regra: 15 dias - agravo, apelação, RE, REsp Exceção: 5 dias - embargos de declaração (Art º) Intempestividade prematura: não existe mais - art. 218, 4

4 2. Classificação Recursos ordinários x excepcionais: - apelação, agravo x recurso especial e extraordinário - direito subjetivo x direito objetivo Fundamentação livre x fundamentação vinculada - apelação x embargos de declaração e embargos de divergência, recurso especial e recurso extraordinário.

5 3. Princípios a) Taxatividade b) Singularidade c) Fungibilidade d) Dialeticidade

6 3. Princípios a) Taxatividade Art São cabíveis os seguintes recursos: I apelação; II agravo de instrumento; III agravo interno; IV embargos de declaração; V recurso ordinário; VI recurso especial; VII recurso extraordinário; VIII agravo em recurso especial ou extraordinário; IX embargos de divergência Embargos de divergência

7 3. Princípios a) Singularidade Exceção: recurso especial e extraordinário

8 3. Princípios c) Fungibilidade (instrumentalidade das formas) - Primazia do julgamento do mérito (art. 4º CPC/15) Dever do juiz suprir pressupostos e vícios processuais (art. 139, IX, art. 317 CPC/15).

9 3. Princípios c) Fungibilidade (instrumentalidade das formas) - Dever do juiz de sanear vícios: Antes de considerar inadmissível o recurso, o relator concederá o prazo de 5 (cinco) dias ao recorrente para que seja sanado vício ou complementada a documentação exigível (art. 932, p. único CPC/15) Constatada a ocorrência de vício sanável, inclusive aquele que possa ser conhecido de ofício, o relator determinará a realização ou a renovação do ato processual, no próprio tribunal ou em primeiro grau de jurisdição, intimadas as partes (art. 938 CPC/15)

10 3. Princípios c) Fungibilidade (instrumentalidade das formas) - Não deserção do recurso por falta de preparo: (art CPC/15) 2 o A insuficiência no valor do preparo, inclusive porte de remessa e de retorno, implicará deserção se o recorrente, intimado na pessoa de seu advogado, não vier a supri-lo no prazo de 5 (cinco) dias. 4 o O recorrente que não comprovar, no ato de interposição do recurso, o recolhimento do preparo, inclusive porte de remessa e de retorno, será intimado, na pessoa de seu advogado, para realizar o recolhimento em dobro, sob pena de deserção.

11 3. Princípios d) Dialeticidade Art Incumbe ao relator: III - não conhecer de recurso inadmissível, prejudicado ou que não tenha impugnado especificamente os fundamentos da decisão recorrida; Art o Na petição de agravo interno, o recorrente impugnará especificadamente os fundamentos da decisão agravada.

12 4. Efeitos a) Devolutivo devolutividade ampla x devolutividade restrita fundamentação livre x fundamentação vinculada

13 4. Efeitos b) Suspensivo Os recursos não impedem a eficácia da decisão (art. 995, caput) Efeito suspensivo pode ser concedido por decisão judicial: (art. 995, único c.c art , 5º cc. cc.): houver risco de dano grave, de difícil ou impossível reparação, e ficar demonstrada a probabilidade de provimento do recurso.

14 4. Efeitos b) Suspensivo Como requerer? Requerimento = simples petição Não existe mais ação cautelar Requisitos: probabilidade e risco

15 5. Apelação

16 5. Apelação a) Cabimento Art Da sentença cabe apelação Art o Ressalvadas as disposições expressas dos procedimentos especiais, sentença é o pronunciamento por meio do qual o juiz, com fundamento nos arts. 485 e 487, põe fim à fase cognitiva do procedimento comum, bem como extingue a execução. 2 o Decisão interlocutória é todo pronunciamento judicial de natureza decisória que não se enquadre no 1 o.

17 5. Apelação a) Cabimento Questões não preclusas (art ) 1 o As questões resolvidas na fase de conhecimento, se a decisão a seu respeito não comportar agravo de instrumento, não são cobertas pela preclusão e devem ser suscitadas em preliminar de apelação, eventualmente interposta contra a decisão final, ou nas contrarrazões.

18 5. Apelação b) Interposição - Ao juiz de 1º grau: art CPC/15

19 5. Apelação b) Interposição - Apelação adesiva Art. 997 CPC/15 II - será admissível na apelação, no recurso extraordinário e no recurso especial; [embargos infringentes] Não cabe no recurso inominado do art. 41 da lei 9.099/95.

20 5. Apelação c) Contrarrazões Art. 1009, 2º: Se as questões referidas no 1º forem suscitadas em contrarrazões, o recorrente será intimado para, em 15 (quinze) dias, manifestar-se a respeito delas. [peça de resistência e peça de ataque] [relação de dependência/autonomia com o recurso adesivo?] [contraditório contrarrazões das contrarrazões]

21 5. Apelação d) Admissibilidade Art o Após as formalidades previstas nos 1 o e 2 o, os autos serão remetidos ao tribunal pelo juiz, independentemente de juízo de admissibilidade.

22 5. Apelação e) efeito suspensivo: A apelação [ainda] terá efeito suspensivo (art ). Exceção 1 o : I - homologa divisão ou demarcação de terras; II - condena a pagar alimentos; III - extingue sem resolução do mérito ou julga improcedentes os embargos do executado; IV - julga procedente o pedido de instituição de arbitragem; V - confirma, concede ou revoga tutela provisória; VI - decreta a interdição.

23 5. Apelação e) efeito suspensivo: Exceção da exceção 4 o Nas hipóteses do 1 o, a eficácia da sentença poderá ser suspensa pelo relator se o apelante demonstrar a probabilidade de provimento do recurso ou se, sendo relevante a fundamentação, houver risco de dano grave ou de difícil reparação.

24 5. Apelação e) efeito suspensivo: Requerimento: 3 o O pedido de concessão de efeito suspensivo nas hipóteses do 1 o poderá ser formulado por requerimento dirigido ao: I - tribunal, no período compreendido entre a interposição da apelação e sua distribuição, ficando o relator designado para seu exame prevento para julgá-la; II - relator, se já distribuída a apelação.

25 5. Apelação f) Efeito devolutivo: Teoria da causa madura - não se exige a anulação da sentença. Art A apelação devolverá ao tribunal o conhecimento da matéria impugnada. 3 o Se o processo estiver em condições de imediato julgamento, o tribunal deve decidir desde logo o mérito quando: [não necessitar de produção de provas. Matéria exclusivamente de direito] I - reformar sentença fundada no art. 485; [sem resolução do mérito] II - decretar a nulidade da sentença por não ser ela congruente com os limites do pedido ou da causa de pedir;

26 5. Apelação f) Efeito devolutivo: Teoria da causa madura - não se exige a anulação da sentença. III - constatar a omissão no exame de um dos pedidos, hipótese em que poderá julgá-lo; IV - decretar a nulidade de sentença por falta de fundamentação. 5º O capítulo da sentença que confirma, concede ou revoga a tutela provisória é impugnável na apelação. [Princípio da unicidade recursal. Manipulação do efeito suspensivo?]

27 5. Apelação Art Quando o resultado da apelação for não unânime, o julgamento terá prosseguimento em sessão a ser designada com a presença de outros julgadores, que serão convocados nos termos previamente definidos no regimento interno, em número suficiente para garantir a possibilidade de inversão do resultado inicial, assegurado às partes e a eventuais terceiros o direito de sustentar oralmente suas razões perante os novos julgadores. 1o Sendo possível, o prosseguimento do julgamento dar-se-á na mesma sessão, colhendo-se os votos de outros julgadores que porventura componham o órgão colegiado.

28 obrigada

Sistema Recursal no Novo Código de Processo Civil

Sistema Recursal no Novo Código de Processo Civil Sistema Recursal no Novo Código de Processo Civil Prof. Ms. Gabriel Bressan gabriel.bressan@aglaw.com.br ALMEIDA GUILHERME Advogados Associados www.aglaw.com.br PARTE GERAL www.aglaw.com.br PARTE GERAL

Leia mais

PROF. JOSEVAL MARTINS VIANA OFICINA DO NOVO CPC RECURSOS

PROF. JOSEVAL MARTINS VIANA OFICINA DO NOVO CPC RECURSOS OFICINA DO NOVO CPC RECURSOS RECURSO DE APELAÇÃO Artigos 1.009 a 1.014 do Código de Processo Civil 1. Recurso de Apelação Conceito Cabe recurso de apelação contra a sentença do juiz que põe fim à fase

Leia mais

APELAÇÃO (NCPC) PROCESSO CIVIL. Curso de Direito Processual Civil de Fredie Didier (2017)

APELAÇÃO (NCPC) PROCESSO CIVIL. Curso de Direito Processual Civil de Fredie Didier (2017) APELAÇÃO (NCPC) PROCESSO CIVIL Curso de Direito Processual Civil de Fredie Didier (2017) DAS SENTENÇAS - Tradicionalmente, a apelação é o recurso cabível contra sentença (qualquer sentença: jurisdição

Leia mais

TEORIA GERAL DOS RECURSOS

TEORIA GERAL DOS RECURSOS TEORIA GERAL DOS RECURSOS FUNDAMENTO, CONCEITO E NATUREZA JURIDICA Fundamentos: A necessidade psicológica do vencido irresignação natural da parte A falibidade humana do julgador Razões históricas do próprio

Leia mais

Professor Rogerio Licastro Torres de Mello

Professor Rogerio Licastro Torres de Mello Professor Rogerio Licastro Torres de Mello Doutor e Mestre em Direito Direito Processual Civil pela PUC / SP Facebook: Rogerio Licastro NOVO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL Recurso de apelação, agravo e outros

Leia mais

Recurso de Agravo no novo CPC. Prof.ª Alessandra Back

Recurso de Agravo no novo CPC. Prof.ª Alessandra Back Recurso de Agravo no novo CPC Prof.ª Alessandra Back alessandraback@unibrasil.com.br Agravo Art. 994 Agravo de Instrumento Agravo Interno Agravo em Resp e RE Admissibilidade e efeitos do Agravo de Instrumento

Leia mais

O agravo de instrumento no novo CPC

O agravo de instrumento no novo CPC O agravo de instrumento no novo CPC Advogado; GILBERTO GOMES BRUSCHI Mestre e Doutor em Processo Civil pela PUC/SP; Sócio efetivo do Instituto Brasileiro de Direito Processual (IBDP); Membro do Centro

Leia mais

SUMÁRIO SIGLAS NOTA À 2ª EDIÇÃO INTRODUÇÃO Parte I: TEORIA GERAL DOS RECURSOS. Capítulo I Teoria geral dos recursos...

SUMÁRIO SIGLAS NOTA À 2ª EDIÇÃO INTRODUÇÃO Parte I: TEORIA GERAL DOS RECURSOS. Capítulo I Teoria geral dos recursos... SUMÁRIO SIGLAS... 25 NOTA À 2ª EDIÇÃO... 27 INTRODUÇÃO... 29 Parte I: TEORIA GERAL DOS RECURSOS Capítulo I Teoria geral dos recursos... 33 1. Introdução e conceito... 33 2. Modalidades recursais e competência

Leia mais

Agravo de instrumento e Apelação. Helena Abdo Mestre e Doutora em Direito Processual pela USP Advogada em São Paulo SP

Agravo de instrumento e Apelação. Helena Abdo Mestre e Doutora em Direito Processual pela USP Advogada em São Paulo SP Agravo de instrumento e Apelação Helena Abdo Mestre e Doutora em Direito Processual pela USP Advogada em São Paulo SP hnabdo@yahoo.com Rol taxativo de hipótese de cabimento (Art. 1.015); Objetivo claro

Leia mais

SUMÁRIO. Parte I: TEORIA GERAL DOS RECURSOS. Capítulo I Teoria geral dos recursos Modalidades recursais e competência legislativa...

SUMÁRIO. Parte I: TEORIA GERAL DOS RECURSOS. Capítulo I Teoria geral dos recursos Modalidades recursais e competência legislativa... SIGLAS... 25 INTRODUÇÃO... 27 Parte I: TEORIA GERAL DOS RECURSOS Capítulo I Teoria geral dos recursos... 31 1. Introdução e conceito... 31 2. Modalidades recursais e competência legislativa... 32 3. Características...

Leia mais

DIREITO PROCESSUAL CIVIL. Recursos III agravo de instrumento e embargos de declaração. Prof. Andre Roque

DIREITO PROCESSUAL CIVIL. Recursos III agravo de instrumento e embargos de declaração. Prof. Andre Roque DIREITO PROCESSUAL CIVIL Recursos III agravo de instrumento e embargos de declaração Prof. Andre Roque 1. Agravo de instrumento: cabimento Somente cabe AI das decisões interlocutórias do CPC, 1015 I -

Leia mais

08/03/2015 APELAÇÃO. Direito Processual Civil II NOÇÃO. Recurso cabível contra as sentenças.

08/03/2015 APELAÇÃO. Direito Processual Civil II NOÇÃO. Recurso cabível contra as sentenças. Direito Processual Civil II FREDERICO OLIVEIRA fjsdeoliveira@gmail.com twitter: @fredoliveira197 Skype: frederico.oliveira42 APELAÇÃO NOÇÃO Recurso cabível contra as sentenças. Art. 162, 1o, CPC atual:

Leia mais

Questão 1 (FCC TJ-PE - Técnico Judiciário - Área Judiciária - e Administrativa)

Questão 1 (FCC TJ-PE - Técnico Judiciário - Área Judiciária - e Administrativa) CURSO DE RESOLUÇÃO DE QUESTÕES DE PROCESSO CIVIL PONTO A PONTO PARA TRIBUNAIS MÓDULO 10 RECURSOS. Professora: Janaína Noleto Curso Agora Eu Passo () Olá, pessoal! Chegamos ao nosso décimo módulo. No módulo

Leia mais

Aula 07. TEORIA GERAL DOS RECURSOS (continuação) Legitimidade para recorrer

Aula 07. TEORIA GERAL DOS RECURSOS (continuação) Legitimidade para recorrer Turma e Ano: Curso de Direito Processual Civil 2015 módulo B Matéria / Aula: Teoria Geral dos Recursos: legitimidade pare recorrer/ Classificação dos recursos/ Efeitos dos Recursos Aula 7 Professor: Edward

Leia mais

RECURSOS NOÇÕES GERAIS

RECURSOS NOÇÕES GERAIS RECURSOS NOÇÕES GERAIS Rosinete Cavalcante da costa Mestre em Direito: Relações Privadas e Constituição Profa. da Faculdade de Direito de Linhares (FACELI) Profa. da Faculdade Batista de Vitória (FABAVI)

Leia mais

5º AULA: RECURSOS E OUTROS MEIOS DE IMPUGNAÇÃO

5º AULA: RECURSOS E OUTROS MEIOS DE IMPUGNAÇÃO Coordenação: Prof. Dr. Pedro Miranda de Oliveira 5º AULA: RECURSOS E OUTROS MEIOS DE IMPUGNAÇÃO Prof. Dr. Pedro Miranda de Oliveira EVOLUÇÃO DO SISTEMA RECURSAL CPC/1939 CPC/1973 Reformas CPC/2015 CPC/1939

Leia mais

Impactos do novo Código de Processo Civil na Advocacia Criminal

Impactos do novo Código de Processo Civil na Advocacia Criminal AACRIMESC - Ordem dos Advogados do Brasil e IBCCRIM Impactos do novo Código de Processo Civil na Advocacia Criminal Gustavo Badaró Florianópolis 11.04.2016 PLANO DA EXPOSIÇÃO 1. Simples mudanças de remissão

Leia mais

1 Elaborado em: 06/04/2016

1 Elaborado em: 06/04/2016 SIMPLIFICANDO O NOVO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL 1º Resumo Elaborado por Beatriz Galindo Conteúdo: explicações informais e descontraídas sobre o CPC/15, extraídas da página: www.facebook.com/beatrizgalindocpc

Leia mais

Dessas características, a voluntariedade e a taxatividade tratam-se de princípios recursais. Os princípios recursais são:

Dessas características, a voluntariedade e a taxatividade tratam-se de princípios recursais. Os princípios recursais são: PRÁTICA SIMULADA IV (CÍVEL) - CCJ0048 Título SEMANA 10 Descrição RECURSOS Daniel Assumpção (2013) afirma que "o conceito de recurso deve ser construído partindo-se de cinco características essenciais a

Leia mais

AGRAVO DE INSTRUMENTO

AGRAVO DE INSTRUMENTO MÓDULO 32 AGRAVO DE INSTRUMENTO Artigos 1.015 a 1.020 do Código de Processo Civil CONCEITO O agravo de instrumento é interposto contra as decisões interlocutórias previstas no artigo 1.015 do Código de

Leia mais

DIREITO PROCESSUAL CIVIL

DIREITO PROCESSUAL CIVIL DIREITO PROCESSUAL CIVIL Reinaldo Branco de Moraes (Juiz do Trabalho do TRT12) -------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

PI juízo de admissibilidade (negativo) sentença 485, I, CPC (sem a citação).

PI juízo de admissibilidade (negativo) sentença 485, I, CPC (sem a citação). 1) Juca propôs ação de cobrança, pelo procedimento comum, em face de Marcio. Ocorre que, de plano, a ação foi extinta sem resolução de mérito, nos termos do artigo 485 do Código de Processo Civil, sem

Leia mais

RECURSO DE APELAÇÃO. Pode ser interposto contra qualquer sentença, seja ou não de mérito;

RECURSO DE APELAÇÃO. Pode ser interposto contra qualquer sentença, seja ou não de mérito; RECURSO DE APELAÇÃO O recurso de apelação é a modalidade recursal mais importante no sistema jurídico brasileiro. Através dele se atua o princípio do duplo grau de jurisdição. O Código de Processo Civil

Leia mais

Art Cabe agravo de instrumento contra as decisões interlocutórias que versarem sobre:

Art Cabe agravo de instrumento contra as decisões interlocutórias que versarem sobre: PUC-GOIÁS PRÁTICA JURÍDICA IV AS TURMA A01-2017-2 Professora: Leônia Machado Pimenta Bueno AGRAVOS - ORIENTAÇÕES No CPC/1973, existiam quatro agravos: agravo de instrumento, agravo retido, agravo regimental

Leia mais

Textos, filmes e outros materiais. Habilidades e Competências. Conteúdos/ Matéria. Categorias/ Questões. Tipo de aula. Semana

Textos, filmes e outros materiais. Habilidades e Competências. Conteúdos/ Matéria. Categorias/ Questões. Tipo de aula. Semana PLANO DE CURSO DISCIPLINA: RECURSOS CÍVEIS (CÓD.: ENEX 60128) ETAPA: 5ª TOTAL DE ENCONTROS: 15 SEMANAS Semana Conteúdos/ Matéria Categorias/ Questões Tipo de aula Habilidades e Competências Textos, filmes

Leia mais

Teoria Geral dos Recursos Reflexos do Novo CPC nos Recursos Trabalhistas 1ª AULA Ederaldo Paulo da Silva

Teoria Geral dos Recursos Reflexos do Novo CPC nos Recursos Trabalhistas 1ª AULA Ederaldo Paulo da Silva Teoria Geral dos Recursos Reflexos do Novo CPC nos Recursos Trabalhistas 1ª AULA Ederaldo Paulo da Silva Advogado, Mestre em Direito Processual Civil, Pós Graduado em Processo Civil, Professor de Processo

Leia mais

Juizados Especiais. Aula 8 ( ) Vinicius Pedrosa Santos (magistrado e professor)

Juizados Especiais. Aula 8 ( ) Vinicius Pedrosa Santos (magistrado e professor) Juizados Especiais Aula 8 (09.04.13) Vinicius Pedrosa Santos (magistrado e professor) e-mail: vinipedrosa@uol.com.br Ementa da aula Recursos e embargos de declaração Mandado de segurança, habeas corpus

Leia mais

PANORAMA GERAL ANÁLISE CRÍTICA E CONSIDERAÇÕES DA LEI /2015

PANORAMA GERAL ANÁLISE CRÍTICA E CONSIDERAÇÕES DA LEI /2015 PANORAMA GERAL ANÁLISE CRÍTICA E CONSIDERAÇÕES DA LEI 13.105/2015 DIRETRIZES ESSENCIAIS DO NOVO CPC i) busca de celeridade / efetividade processual (art. 4 cc art. 5, LXXVIII CF) X vedação julgamento surpresa

Leia mais

CPC 2015 X PLC Nº 168/2015

CPC 2015 X PLC Nº 168/2015 CPC 2015 X PLC Nº 168/2015 QUADRO COMPARATIVO Janeiro/2016 CPC/2015- LEI Nº 13.105 16/03/2015 PLC Nº 168, DE 2015 Art. 12. Os juízes e os tribunais deverão obedecer à ordem cronológica de conclusão para

Leia mais

LEGALE - PÓS GRADUAÇÃO DIREITO ACIDENTÁRIO

LEGALE - PÓS GRADUAÇÃO DIREITO ACIDENTÁRIO LEGALE - PÓS GRADUAÇÃO DIREITO ACIDENTÁRIO Recurso Ordinário / Contrarrazões / Recurso Adesivo Professor: Rogério Martir Doutorando em Ciências Jurídicas e Sociais, Advogado militante e especializado em

Leia mais

REQUERENTE : ASSOCIAÇÃO DOS APROVADOS EM CONCURSO PÚBLICO DE CATALÃO? GO? AACP

REQUERENTE : ASSOCIAÇÃO DOS APROVADOS EM CONCURSO PÚBLICO DE CATALÃO? GO? AACP PETIÇÃO Nº 5124385.16.2017.8.09.0000 COMARCA DE CATALÃO REQUERENTE : ASSOCIAÇÃO DOS APROVADOS EM CONCURSO PÚBLICO DE CATALÃO? GO? AACP REQUERIDO : MUNICÍPIO DE CATALÃO RELATOR : JUIZ FERNANDO DE CASTRO

Leia mais

TEORIA GERAL DOS RECURSOS

TEORIA GERAL DOS RECURSOS DIREITO PROCESSUAL CIVIL III TEORIA GERAL DOS RECURSOS Prof. ANA PAULA LEIKO SAKAUIE 1 ATOS DO JUIZ De acordo com o art. 203, NCPC, os atos do juiz consistem em: SENTENÇA: Encerra o processo em primeira

Leia mais

07/03/2015. Direito Processual Civil II PRESSUPOSTOS PROCESSUAIS EFEITO DOS RECURSOS DUPLO GRAU OBRIGATÓRIO

07/03/2015. Direito Processual Civil II PRESSUPOSTOS PROCESSUAIS EFEITO DOS RECURSOS DUPLO GRAU OBRIGATÓRIO Direito Processual Civil II FREDERICO OLIVEIRA fjsdeoliveira@gmail.com twitter: @fredoliveira197 Skype: frederico.oliveira42 PRESSUPOSTOS PROCESSUAIS EFEITO DOS S DUPLO GRAU OBRIGATÓRIO Pressupostos de

Leia mais

SUMÁRIO APRESENTAÇÃO PARTE I TEORIA GERAL DOS RECURSOS

SUMÁRIO APRESENTAÇÃO PARTE I TEORIA GERAL DOS RECURSOS SUMÁRIO APRESENTAÇÃO... 19 PARTE I TEORIA GERAL DOS RECURSOS CAPÍTULO I MEIOS DE IMPUGNAÇÃO, CONCEITO, CLASSIFICAÇÃO E DIREITO INTERTEMPORAL... 25 1. Meios de impugnação... 25 2. Conceito de recurso...

Leia mais

SUSPENSÃO DA EFICÁCIA DA SENTENÇA ART. 558, PARÁGRAFO ÚNICO, DO CPC APELAÇÃO DE EFEITO SOMENTE DEVOLUTIVO.

SUSPENSÃO DA EFICÁCIA DA SENTENÇA ART. 558, PARÁGRAFO ÚNICO, DO CPC APELAÇÃO DE EFEITO SOMENTE DEVOLUTIVO. 60 SUSPENSÃO DA EFICÁCIA DA SENTENÇA ART. 558, PARÁGRAFO ÚNICO, DO CPC APELAÇÃO DE EFEITO SOMENTE DEVOLUTIVO. Doutor em Direito pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG); Juiz do Tribunal Regional

Leia mais

O Novo CPC e o Processo do Trabalho

O Novo CPC e o Processo do Trabalho O Novo CPC e o Processo do Trabalho Impactos na Advocacia Trabalhista Min. Maria Cristina Irigoyen Peduzzi Novo CPC positivou princípios constitucionais Constituição Novo Código de Processo Civil Acesso

Leia mais

DIREITO PROCESSUAL CIVIL

DIREITO PROCESSUAL CIVIL DIREITO PROCESSUAL CIVIL ESTÁCIO-CERS DIREITO PROCESSUAL CIVIL Prof. André Mota deomotaadv@yahoo.com.br (F) Professor André Mota (IG) @profandremota.am (TW) profandremota TEORIA GERAL DOS RECURSOS 1. DEFINIÇÃO

Leia mais

Gustavo Filipe Barbosa Garcia CPC. Novo. e Processo do Trabalho. Atualizado com as Instruções Normativas 39 e 40 de 2016 do TST

Gustavo Filipe Barbosa Garcia CPC. Novo. e Processo do Trabalho. Atualizado com as Instruções Normativas 39 e 40 de 2016 do TST Gustavo Filipe Barbosa Garcia Novo CPC e Processo do Trabalho Atualizado com as Instruções Normativas 39 e 40 de 2016 do TST 2016 NOVO CPC E PROCESSO DO TRABALHO Gustavo Filipe Barbosa Garcia havendo retratação,

Leia mais

OAB 2º Fase Tributário Prof. Lucas Morais TEORIA GERAL DOS RECURSOS. Recurso Ordinário Constitucional. Recurso Especial. Recurso Extraordinário

OAB 2º Fase Tributário Prof. Lucas Morais TEORIA GERAL DOS RECURSOS. Recurso Ordinário Constitucional. Recurso Especial. Recurso Extraordinário OAB 2º Fase Tributário Prof. Lucas Morais TEORIA GERAL DOS RECURSOS Recurso Ordinário Constitucional Recurso Especial Recurso Extraordinário RECURSOS - CARACTERÍSTICAS Interposição na mesma relação processual

Leia mais

O Recurso obsta a constituição da eficácia da coisa julgada, impede a formação da coisa julgada.

O Recurso obsta a constituição da eficácia da coisa julgada, impede a formação da coisa julgada. TEORIA GERAL DOS RECURSOS - Relação com a coisa julgada: O Recurso obsta a constituição da eficácia da coisa julgada, impede a formação da coisa julgada. Nem todo meio para impugnação das resoluções judiciais

Leia mais

PRECEDENTES NO CPC João Eberhardt Francisco

PRECEDENTES NO CPC João Eberhardt Francisco PRECEDENTES NO CPC 2015 João Eberhardt Francisco TEMOS UM SISTEMA DE PRECEDENTES NO CPC 2015? Os tribunais devem uniformizar sua jurisprudência e mantê-la estável, íntegra e coerente (art. 926 do CPC)

Leia mais

Teoria Geral do Processo

Teoria Geral do Processo Arno Melo Schlichting Teoria Geral do Processo Concreta - Objetiva - Atual Livro 2 3 a Edição SUMÁRIO Apresentação 9 Identificação 11 Natureza... 13 Objetivo... 13 1 Teoria Geral das Ações 15 1.1 Ação,

Leia mais

Sumário PARTE I ASPECTOS PROCESSUAIS GERAIS

Sumário PARTE I ASPECTOS PROCESSUAIS GERAIS Sumário PARTE I ASPECTOS PROCESSUAIS GERAIS 1 Jurisdição 1.1 Introdução 1.2 Conceito e características 1.3 Divisão da jurisdição 1.4 Organização judiciária 2 Direito Processual Civil 2.1 Conceito e delimitação

Leia mais

TÍTULO I DO RECURSO ESPECIAL

TÍTULO I DO RECURSO ESPECIAL ÍNDICE SISTEMÁTICO Obras do Autor... XIII Abreviaturas e Siglas Usadas... XV Apresentação da 7ª edição... XVII Exposição Preliminar... 1 TÍTULO I DO RECURSO ESPECIAL Capítulo I Dos Recursos e seu Desdobramento

Leia mais

Normas Fundamentais do Novo Código de Processo Civil Fábio Victor da Fonte Monnerat

Normas Fundamentais do Novo Código de Processo Civil Fábio Victor da Fonte Monnerat Normas Fundamentais do Novo Código de Processo Civil Fábio Victor da Fonte Monnerat Procurador Federal Diretor da Escola da Advocacia-Geral da União em São Paulo Coordenador Nacional de Direito Processual

Leia mais

Recurso tb difere do reexame necessário, pois neste não há a voluntariedade

Recurso tb difere do reexame necessário, pois neste não há a voluntariedade RECURSOS CONCEITO: É o remédio voluntário idôneo a ensejar, dentro do mesmo processo, a reforma, a invalidação, o esclarecimento ou a integração de uma decisão judicial que se impugna. Recurso é diferente

Leia mais

PROF. JOSEVAL MARTINS VIANA RECURSOS ESPECIAL E EXTRAORDINÁRIO

PROF. JOSEVAL MARTINS VIANA RECURSOS ESPECIAL E EXTRAORDINÁRIO RECURSOS ESPECIAL E EXTRAORDINÁRIO O Recurso Especial é interposto contra acórdão que desrespeita matéria infraconstitucional. O Recurso Extraordinário, contra acórdão que violar a Constituição Federal.

Leia mais

DIREITO PROCESSUAL CIVIL III RECURSOS. Caderno de exercícios II

DIREITO PROCESSUAL CIVIL III RECURSOS. Caderno de exercícios II PROFESSORA MEYRE ELIZABETH CARVALHO SANTANA DIREITO PROCESSUAL CIVIL III RECURSOS Caderno de exercícios II 1. Anote a opção incorreta: Suponha que, ao receber um recurso de Agravo de Instrumento, o Relator

Leia mais

SUMÁRIO 1. PEÇAS DE LIBERDADE, 17 PREFÁCIO, 5 SUMÁRIO, 7

SUMÁRIO 1. PEÇAS DE LIBERDADE, 17 PREFÁCIO, 5 SUMÁRIO, 7 SUMÁRIO PREFÁCIO, 5 SUMÁRIO, 7 1. PEÇAS DE LIBERDADE, 17 1. Primeiro passo: identificar qual a peça ou instituto o caso concreto apresenta ou requer, 17 1.1. Peças práticas que podem ser requeridas a qualquer

Leia mais

PROFESSOR: MAURICIO PEREIRA SIMÕES. CONTATO: SITE: dtbcursos.com.br

PROFESSOR: MAURICIO PEREIRA SIMÕES. CONTATO: SITE: dtbcursos.com.br PROFESSOR: MAURICIO PEREIRA SIMÕES CONTATO: mrcursos@hotmail.com SITE: dtbcursos.com.br RECURSOS NO PROCESSO DO TRABALHO ANÁLISE SOB A PERPESTIVA DO NOVO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL EMBARGOS DE DECLARAÇÃO

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO CONTEÚDO PROGRAMÁTICO 1. NOÇÕES INTRODUTÓRIAS 1.1. Breves notas sobre a atual estrutura da Justiça do Trabalho uma visão panorâmica e estratégica. 1.2. Distinções conceituais. Fundamentos 1.3. Princípios

Leia mais

NOÇÕES PRELIMINARES SOBRE O PROCESSO ADMINISTRATIVO TRIBUTÁRIO DECORRENTE DE LANÇAMENTO DE OFÍCIO NO ESTADO DE SÃO PAULO 6ª PARTE

NOÇÕES PRELIMINARES SOBRE O PROCESSO ADMINISTRATIVO TRIBUTÁRIO DECORRENTE DE LANÇAMENTO DE OFÍCIO NO ESTADO DE SÃO PAULO 6ª PARTE NOÇÕES PRELIMINARES SOBRE O PROCESSO ADMINISTRATIVO TRIBUTÁRIO DECORRENTE DE LANÇAMENTO DE OFÍCIO NO ESTADO DE SÃO PAULO 6ª PARTE Alencar Frederico Mestre em Direito pela Universidade Metodista de Piracicaba;

Leia mais

Ofício n. 855/2016-GPR. Brasília, 1º de junho de 2016.

Ofício n. 855/2016-GPR. Brasília, 1º de junho de 2016. Ofício n. 855/2016-GPR. Brasília, 1º de junho de 2016. Ao Exmo. Sr. Ministro Francisco Falcão Presidente do Superior Tribunal de Justiça Brasília - DF Assunto: Pedido de cancelamento dos enunciados das

Leia mais

CURSO DE DIREITO PROCESSUAL PENAL. Volume IV

CURSO DE DIREITO PROCESSUAL PENAL. Volume IV LEONIR BATISTI Professor de Direito Processual Penal na Escola da Magistratura-Londrina e Universidade Estadual de Londrina; Promotor de Justiça da Comarca de Londrina; Especializado em Metodologia do

Leia mais

Estudo Dirigido II 1) Conceitue prova no direito processo civil? 2) Quais os recursos existentes contra sentenças? Explique.

Estudo Dirigido II 1) Conceitue prova no direito processo civil? 2) Quais os recursos existentes contra sentenças? Explique. UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS E LETRAS CCHL DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS JURÍDICAS DCJ CURSO: BACHARELADO EM DIREITO (NOTURNO) DISCIPLINA: DIREITO PROCESSUAL CIVIL I PROFESSOR: CARLOS

Leia mais

Sumário Capítulo 1 Prazos Capítulo 2 Incompetência: principais mudanças

Sumário Capítulo 1 Prazos Capítulo 2 Incompetência: principais mudanças Sumário Capítulo 1 Prazos 1.1. Forma de contagem: somente em dias úteis 1.2. Prática do ato processual antes da publicação 1.3. Uniformização dos prazos para recursos 1.4. Prazos para os pronunciamentos

Leia mais

JUIZADOS ESPECIAIS FEDERAIS. Lei n /2001 Lei n /95

JUIZADOS ESPECIAIS FEDERAIS. Lei n /2001 Lei n /95 JUIZADOS ESPECIAIS FEDERAIS Lei n. 10.259/2001 Lei n. 9.099/95 O PROCEDIMENTO Competência: fixada em razão do valor da causa e não da complexidade 60 SM. Juizados Estaduais menor complexidade, até 40 SM

Leia mais

<CABBCBBCCADACABACBBCAADCBADAADDCBAAAA DDADAAAD> A C Ó R D Ã O

<CABBCBBCCADACABACBBCAADCBADAADDCBAAAA DDADAAAD> A C Ó R D Ã O APELAÇÃO CÍVEL. AÇAO DE COBRANÇA. INTERPOSIÇÃO DO RECURSO DE APELAÇÃO. - No Processo Civil a petição de interposição da apelação, bem como suas razões,

Leia mais

PROF. JOSEVAL MARTINS VIANA OFICINA DO NOVO CPC EMBARGOS DE DECLARAÇÃO

PROF. JOSEVAL MARTINS VIANA OFICINA DO NOVO CPC EMBARGOS DE DECLARAÇÃO OFICINA DO NOVO CPC EMBARGOS DE DECLARAÇÃO Artigos 1.022 a 1.026 do Código de Processo Civil 1. Conceito Os embargos declaratórios são opostos contra qualquer decisão que contenha obscuridade, omissão,

Leia mais

NOTAS DOS AUTORES À DÉCIMA SEGUNDA EDIÇÃO... 15

NOTAS DOS AUTORES À DÉCIMA SEGUNDA EDIÇÃO... 15 S NOTAS DOS AUTORES À DÉCIMA SEGUNDA EDIÇÃO... 15 Capítulo I TEORIA DOS RECURSOS... 17 1. Conceito de recurso... 17 2. O princípio do duplo grau de jurisdição... 18 3. O recurso no sistema dos meios de

Leia mais

SUMÁRIO PARTE 1 PEÇAS PRÁTICO-PROFISSIONAIS E TEORIA ASSOCIADA CAPÍTULO 1. PEÇAS DE LIBERDADE...

SUMÁRIO PARTE 1 PEÇAS PRÁTICO-PROFISSIONAIS E TEORIA ASSOCIADA CAPÍTULO 1. PEÇAS DE LIBERDADE... SUMÁRIO PARTE 1 PEÇAS PRÁTICO-PROFISSIONAIS E TEORIA ASSOCIADA CAPÍTULO 1. PEÇAS DE LIBERDADE... 19 1. Primeiro passo: identificar qual a peça ou instituto o caso concreto apresenta ou requer... 19 1.1.

Leia mais

Aula 91. Contestação (Parte IV): Art Incumbe ao réu, antes de discutir o mérito, alegar: II - incompetência absoluta e relativa.

Aula 91. Contestação (Parte IV): Art Incumbe ao réu, antes de discutir o mérito, alegar: II - incompetência absoluta e relativa. Turma e Ano: Direito Processual Civil - NCPC (2016) Matéria / Aula: Contestação. Defesas processuais Artigo 337, II a VII / 91 Professor: Edward Carlyle Monitora: Laryssa Marques Aula 91 Contestação (Parte

Leia mais

DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO. Recursos em espécie Embargos de declaração. Prof. Hermes Cramacon

DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO. Recursos em espécie Embargos de declaração. Prof. Hermes Cramacon DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO Recursos em espécie Embargos de declaração Prof. Hermes Cramacon MAPA PROCESSUAL - FASE RECURSAL 2ª Instância TRT Relator Turma Acórdão E.D. A.I. Sentença R.O. C.R.R.O. 1ª

Leia mais

PONTO 1: Efeitos dos Recursos 1. EFEITOS DOS RECURSOS

PONTO 1: Efeitos dos Recursos 1. EFEITOS DOS RECURSOS 1 PROCESSO CIVIL PROCESSO CIVIL PONTO 1: Efeitos dos Recursos a) EFEITO DEVOLUTIVO: 1. EFEITOS DOS RECURSOS Ambos efeitos devolutivo e o translativo compõem a cognição no plano horizontal (aquilo que o

Leia mais

OS RECURSOS NO NOVO CPC E REFLEXOS NO PROCESSO DO TRABALHO*

OS RECURSOS NO NOVO CPC E REFLEXOS NO PROCESSO DO TRABALHO* OS RECURSOS NO NOVO CPC E REFLEXOS NO PROCESSO DO TRABALHO* Jorge Pinheiro Castelo INTRODUÇÃO: a) O novo CPC busca uma maior organicidade e coesão do sistema processual, bem como a obtenção do resultado

Leia mais

Manual de Prática Trabalhista - 6ª Edição - Cinthia Machado de Oliveira. Título I PETIÇÃO INICIAL Capítulo I PETIÇÃO INICIAL EM DISSÍDIO INDIVIDUAL

Manual de Prática Trabalhista - 6ª Edição - Cinthia Machado de Oliveira. Título I PETIÇÃO INICIAL Capítulo I PETIÇÃO INICIAL EM DISSÍDIO INDIVIDUAL SUMÁRIO Título I PETIÇÃO INICIAL PETIÇÃO INICIAL EM DISSÍDIO INDIVIDUAL Fundamento legal... 15 Cabimento... 15 Espécies de ritos do processo do trabalho... 16 Rito sumário... 16 Rito sumaríssimo... 16

Leia mais

ATUALIZAÇÃO PROFISSIONAL DIANTE DO NOVO CPC: DESAFIOS PRESENTES E FUTUROS

ATUALIZAÇÃO PROFISSIONAL DIANTE DO NOVO CPC: DESAFIOS PRESENTES E FUTUROS ATUALIZAÇÃO PROFISSIONAL DIANTE DO NOVO CPC: DESAFIOS PRESENTES E FUTUROS Bruno Vasconcelos Carrilho Lopes Advogado; Mestre e Doutor em Direito Processual Civil pela Faculdade de Direito da Universidade

Leia mais

O recurso de apelação está previsto nos arts a do CPC/2015.

O recurso de apelação está previsto nos arts a do CPC/2015. APELAÇÃO RESUMO BASE LEGAL O recurso de apelação está previsto nos arts. 1.009 a 1.014 do CPC/2015. CABIMENTO A apelação é cabível contra sentença e decisão interlocutória não recorrível em separado (art.

Leia mais

Temos ainda um Juízo de admissibilidade (a quo) e um Juízo de julgamento (ad quem).

Temos ainda um Juízo de admissibilidade (a quo) e um Juízo de julgamento (ad quem). PARTE II TEORIA GERAL DOS RECURSOS Conceito: Recurso é o direito que a parte vencida ou o terceiro prejudicado possui de, uma vez atendidos os pressupostos de admissibilidade, submeter a matéria contida

Leia mais

Recurso ordinário constitucional

Recurso ordinário constitucional Recurso ordinário constitucional Previsão 496 V e 539 CPC 102 II e 105 II CF/88 Atividade do STJ e STF Serve para dar segundo grau de jurisdição às ações que se iniciam nas instâncias inferiores (não na

Leia mais

O PRINCÍPIO DA PRIMAZIA DA RESOLUÇÃO DE MÉRITO NO NOVO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL E SUA APLICAÇÃO AO PROCESSO DO TRABALHO. José Alberto Couto Maciel

O PRINCÍPIO DA PRIMAZIA DA RESOLUÇÃO DE MÉRITO NO NOVO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL E SUA APLICAÇÃO AO PROCESSO DO TRABALHO. José Alberto Couto Maciel O PRINCÍPIO DA PRIMAZIA DA RESOLUÇÃO DE MÉRITO NO NOVO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL E SUA APLICAÇÃO AO PROCESSO DO TRABALHO José Alberto Couto Maciel Da Academia Nacional de Direito do Trabalho Quando a parte

Leia mais

Título I PETIÇÃO INICIAL Capítulo I PETIÇÃO INICIAL EM DISSÍDIO INDIVIDUAL Fundamento legal Cabimento Espécies de ritos do processo do

Título I PETIÇÃO INICIAL Capítulo I PETIÇÃO INICIAL EM DISSÍDIO INDIVIDUAL Fundamento legal Cabimento Espécies de ritos do processo do Sumário Manual de Prática Trabalhista Título I PETIÇÃO INICIAL PETIÇÃO INICIAL EM DISSÍDIO INDIVIDUAL Fundamento legal... 19 Cabimento... 19 Espécies de ritos do processo do trabalho... 19 Rito sumário...

Leia mais

Teoria Geral dos Recursos

Teoria Geral dos Recursos Componente Curricular: Direito Processual Civil II Professor: Rodrigo Reül 1) Recurso - Conceito: é uma espécie de remédio processual que a lei coloca à disposição das partes para impugnação das decisões

Leia mais

Processo Civil OAB - FGV. O Agravo, conforme a atualização legislativa, pode ser interposto de duas formas:

Processo Civil OAB - FGV. O Agravo, conforme a atualização legislativa, pode ser interposto de duas formas: AGRAVO Aspectos Introdutórios O Agravo, conforme a atualização legislativa, pode ser interposto de duas formas: - AGRAVO DE INSTRUMENTO, interposto por instrumento, na forma do art. 522 do CPC; - AGRAVO

Leia mais

17/03/2015. Direito Processual Civil II MODALIDADES DE RECURSOS

17/03/2015. Direito Processual Civil II MODALIDADES DE RECURSOS Direito Processual Civil II FREDERICO OLIVEIRA fjsdeoliveira@gmail.com twitter: @fredoliveira197 Skype: frederico.oliveira42 RECURSO ORDINÁRIO CONSTITUCIONAL RECURSO ESPECIAL RECURSO EXTRAORDINÁRIO EMBARGOS

Leia mais

LEGALE - PÓS GRADUAÇÃO DIREITO ACIDENTÁRIO

LEGALE - PÓS GRADUAÇÃO DIREITO ACIDENTÁRIO LEGALE - PÓS GRADUAÇÃO DIREITO ACIDENTÁRIO Agravo de Instrumento / Embargos no TST/ Recurso Extraordinário Professor: Rogério Martir Doutorando em Ciências Jurídicas e Sociais, Advogado militante e especializado

Leia mais

Cumprimento provisório da sentença e competência do Juizado Especial Fazendário

Cumprimento provisório da sentença e competência do Juizado Especial Fazendário Cumprimento provisório da sentença e competência do Juizado Especial Fazendário A Lei n 12.153/09, ao disciplinar os Juizados Especiais Fazendários, omitiu-se quanto ao cumprimento da sentença, porém,

Leia mais

AGRAVO DE INSTRUMENTO: Um Novo Modelo

AGRAVO DE INSTRUMENTO: Um Novo Modelo AGRAVO DE INSTRUMENTO: Um Novo Modelo SÁLVIO DE FIGUEIREDO TEIXEIRA* Ministro do Superior Tribunal de Justiça, Juiz do Tribunal. Alçada de Minas Gerais e Diretor da Rev. de Julgados do TAMG 1.CONSIDERAÇÕES

Leia mais

SUMÁRIO. Capítulo II SUBSTABELECIMENTO... 31

SUMÁRIO. Capítulo II SUBSTABELECIMENTO... 31 SUMÁRIO Capítulo I PROCURAÇÃO AD JUDICIA... 19 1. Conceito... 19 2. Extensão dos poderes conferidos pelo outorgante ao advogado... 21 3. Modelo da procuração ad judicia com poderes para o foro em geral...

Leia mais

LEGALE FORMAÇÃO DO ADVOGADO ATÉ 2 ANOS DE OAB

LEGALE FORMAÇÃO DO ADVOGADO ATÉ 2 ANOS DE OAB LEGALE FORMAÇÃO DO ADVOGADO ATÉ 2 ANOS DE OAB Teoria Geral dos Recurso / Embargos de Declaração / Recurso Ordinário Professor: Rogério Martir Doutorando em Ciências Jurídicas e Sociais, Advogado militante

Leia mais

AULA ) Competência de 1 Grau para exame da Tutela Provisória. 12.8) Natureza Jurídica da Decisão da Tutela Provisória

AULA ) Competência de 1 Grau para exame da Tutela Provisória. 12.8) Natureza Jurídica da Decisão da Tutela Provisória Turma e Ano: Master A (2015) 06/07/2015 Matéria / Aula: Direito Processual Civil / Aula 23 Professor: Edward Carlyle Silva Monitor: Alexandre Paiol CONTEÚDO DA AULA: Tutela provisória : AULA 23 12.7) Competência

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.511.655 - MG (2014/0298242-0) RELATOR : MINISTRO HUMBERTO MARTINS RECORRENTE : MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL RECORRIDO : BANCO INTERAMERICANO DE DESENVOLVIMENTO ADVOGADO : SEM REPRESENTAÇÃO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.215.895 - MT (2010/0183418-1) RELATOR : MINISTRO HUMBERTO MARTINS RECORRENTE : ESTADO DE MATO GROSSO PROCURADOR : ANA CRISTINA COSTA DE ALMEIDA B TEIXEIRA E OUTRO(S) RECORRIDO : TRANSPORTES

Leia mais

AULA 1 10/02/11 A FASE RECURSAL

AULA 1 10/02/11 A FASE RECURSAL AULA 1 10/02/11 A FASE RECURSAL 1 AS FASES DO PROCESSO O processo é composto por uma sucessão de atos reunidos em diversas fases que se sucedem: fase postulatória, fase saneadora, fase instrutória ou probatória,

Leia mais

Capítulo 1. A Interdisciplinaridade do Direito Tributário... 3

Capítulo 1. A Interdisciplinaridade do Direito Tributário... 3 Sumário Parte I Introdução... 1 Capítulo 1. A Interdisciplinaridade do Direito Tributário... 3 Parte II Petição inicial e contestação... 7 Capítulo 1. Introdução... 9 Capítulo 2. Estrutura da petição inicial...

Leia mais

TJ - SP Processo Penal NILMAR DE AQUINO

TJ - SP Processo Penal NILMAR DE AQUINO TJ - SP Processo Penal NILMAR DE AQUINO 1)Cabe recurso de apelação das decisões em que a) julgarem procedentes as exceções, salvo a de suspeição b) decretar a prescrição ou julgar, por outro modo, extinta

Leia mais

A lei alterou de certa forma a aplicação dos embargos infringentes, passando o CPC a dispor:

A lei alterou de certa forma a aplicação dos embargos infringentes, passando o CPC a dispor: A essência dos embargos infringentes Valter Nilton Felix Se há votos vencidos, talvez o mérito pudesse ser outro, a sentença merece revisão, quem sabe a decisão tenha sido equivocada, a parte vencida pode

Leia mais

SUMÁRIO PARTE I TEORIA GERAL DOS RECURSOS

SUMÁRIO PARTE I TEORIA GERAL DOS RECURSOS SUMÁRIO PARTE I TEORIA GERAL DOS RECURSOS CAPÍTULO I MEIOS DE IMPUGNAÇÃO, CONCEITO, CLASSIFICAÇÃO E DIREITO INTERTEMPORAL... 33 1. Meios de impugnação... 33 2. Conceito de recurso... 33 3. Classificação...

Leia mais

Capítulo I PROCEDIMENTO COMUM

Capítulo I PROCEDIMENTO COMUM SUMÁRIO Capítulo I PROCEDIMENTO COMUM 1.Fundamento legal... 21 2. Finalidade... 21 3. Petição inicial... 21 3.1. Tutela provisória... 22 3.1.1. Tutela de urgência: aspectos gerais... 23 3.1.1.1. Tutela

Leia mais

RECURSOS EM ESPÉCIE RECURSOS ESPECIAL E EXTRAORDINÁRIO PARTE 1. Prof. ANA PAULA LEIKO SAKAUIE - DPC III 1

RECURSOS EM ESPÉCIE RECURSOS ESPECIAL E EXTRAORDINÁRIO PARTE 1. Prof. ANA PAULA LEIKO SAKAUIE - DPC III 1 RECURSOS EM ESPÉCIE RECURSOS ESPECIAL E EXTRAORDINÁRIO PARTE 1 Prof. ANA PAULA LEIKO SAKAUIE - DPC III 1 RECURSO EXTRAORDINÁRIO E RECURSO ESPECIAL FINALIDADE: IMPEDIR QUE AS DECISÕES JUDICIAIS CONTRARIEM

Leia mais

RECURSOS ORDINÁRIOS. Prof. Bianca Bastos

RECURSOS ORDINÁRIOS. Prof. Bianca Bastos RECURSOS ORDINÁRIOS Prof. Bianca Bastos Alteração da Lei 13.015/2014 RECURSOS: classificação 1. ORDINÁRIOS revisão do direito material (fatos jurídicos) e do direito processual 2. EXTRAORDINÁRIOS tratam

Leia mais

Sumário EQUIVALENTES JURISDICIONAIS...29

Sumário EQUIVALENTES JURISDICIONAIS...29 Sumário APRESENTAÇÃO DA COLEÇÃO...13 capítulo 1 ASPECTOS GERAIS DA MATÉRIA...17 1.1. Notas introdutórias... 17 1.2. Nomenclatura... 18 1.3. Autonomia do direito processual... 18 1.4. Diferença entre o

Leia mais

Processo Civil Analista MPU. Nem todo meio para impugnação das resoluções judiciais constitui recurso. 1

Processo Civil Analista MPU. Nem todo meio para impugnação das resoluções judiciais constitui recurso. 1 TEORIA GERAL DOS RECURSOS - Relação com a coisa julgada: O Recurso obsta a constituição da eficácia da coisa julgada, impede a formação da coisa julgada. Nem todo meio para impugnação das resoluções judiciais

Leia mais

RECURSOS EM ESPÉCIE (continuação) DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO

RECURSOS EM ESPÉCIE (continuação) DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO : Agravo decisão monocrática do Relator. Recurso de Revista. Embargos no TST. Recurso Extraordinário. Agravo de petição; Reclamação correicional. Professora: Maria Inês Gerardo

Leia mais

TST altera súmulas e orientações jurisprudenciais em função do novo CPC

TST altera súmulas e orientações jurisprudenciais em função do novo CPC TST altera súmulas e orientações jurisprudenciais em função do novo CPC TST altera súmulas e orientações jurisprudenciais em função do novo CPC TST 19/04/2016 O Pleno do Tribunal Superior do Trabalho aprovou,

Leia mais

O Novo Código de Processo Civil Agravo de Instrumento Agravo Interno Embargos de Declaração

O Novo Código de Processo Civil Agravo de Instrumento Agravo Interno Embargos de Declaração O Novo Código de Processo Civil Agravo de Instrumento Agravo Interno Embargos de Declaração Ana Marcato Marcato Advogados anamarcato@marcatoadv.com.br AGRAVO DE INSTRUMENTO Rol taxativo de hipótese de

Leia mais

Processo Civil. - Efetiva repetição de demandas e não potencial repetição de demandas;

Processo Civil. - Efetiva repetição de demandas e não potencial repetição de demandas; Incidente de Resolução de Demandas Repetitivas IRDR A admissibilidade e o mérito serão apreciados pelos Tribunais de Segundo Grau. Do acórdão que julga o IRDR poderá ocorrer Resp ou Rext. Fixado o precedente,

Leia mais

SUMÁRIO PARTE I INFORMAÇÕES NECESSÁRIAS PARA UMA APROPRIADA POSTULAÇÃO EM JUÍZO 1 INTRODUÇÃO

SUMÁRIO PARTE I INFORMAÇÕES NECESSÁRIAS PARA UMA APROPRIADA POSTULAÇÃO EM JUÍZO 1 INTRODUÇÃO SUMÁRIO PARTE I INFORMAÇÕES NECESSÁRIAS PARA UMA APROPRIADA POSTULAÇÃO EM JUÍZO 1 INTRODUÇÃO 2 SOLUÇÃO DE LITÍGIOS PERANTE O PODER JUDICIÁRIO 2.1 Estrutura jurisdicional brasileira 2.2 Lide, processo e

Leia mais

CAPÍTULO 1 Jurisdição... 1 CAPÍTULO 2 AÇÃO... 23

CAPÍTULO 1 Jurisdição... 1 CAPÍTULO 2 AÇÃO... 23 CAPÍTULO 1 Jurisdição... 1 1. Origem... 1 2. A Jurisdição: poder, função ou atividade?... 2 3. A Trilogia Estrutural do Processo Civil... 3 4. O Conceito de Jurisdição... 4 4.1. Teoria Unitária do Ordenamento

Leia mais

RECURSOS TRABALHISTAS MONITOR JEAN LUIZ

RECURSOS TRABALHISTAS MONITOR JEAN LUIZ TRABALHISTAS MONITOR JEAN LUIZ Efeitos dos recursos Conceito- é a forma pela qual a parte pode obter o reexame de uma decisão. Efeitos: Devolutivo- é inerente a todos recurso. Suspensivo- suspende os efeitos

Leia mais