Universidade Federal do Amazonas Instituto de Ciências Biológicas Diversidade, distribuição e reprodução de Anfíbios

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Universidade Federal do Amazonas Instituto de Ciências Biológicas Diversidade, distribuição e reprodução de Anfíbios"

Transcrição

1 Universidade Federal do Amazonas Instituto de Ciências Biológicas Diversidade, distribuição e reprodução de Anfíbios Prof. Dr. Marcelo Menin Departamento de Biologia - ICB Laboratório de Zoologia Programa de Pós-Graduação em Zoologia

2 2008 Selvino Neckel Foto: W. Quatman

3

4

5 Anfíbios atuais: LISSAMPHIBIA

6 Características gerais dos anfíbios Ectotérmicos Epiderme glandular Respiração branquial/pulmonar/cutânea Dependência da água para reprodução

7 Hickman et al. 2004

8

9 Stebbins & Cohen, 1995 Cápsulas gelationosas ovo

10

11 Caudata Bolitoglossa paraensis (Plethodontidae) 2008 Selvino Neckel Andrias japonicus (Cryptobranchidae)

12 9-10 Famílias, 66 gêneros, 707 espécies (Pough et al. 2015; Frost, 2016) Jenkins, CN, SL Pimm, LN Joppa (2013) Global Patterns of Terrestrial Vertebrate Diversity and Conservation. PNAS 110(28): E2602-E2610. doi: /pnas (PDF)

13 Fertilização interna Fertilização externa

14 Cryptobranchidae (4 espécies)

15

16 Plethodontidae (463 espécies)

17 Anfíbios: Gymnophiona Rhinatrema ron (Rhinatrematidae) (Foto: W. Quatman) Typhlonectes compressicauda Siphonops annulatus

18 Cecílias 10 Famílias, 35 gêneros, 205 espécies (Frost, 2016) Oriental Neotropical Etiópica (Afro-tropical) Jenkins, CN, SL Pimm, LN Joppa (2013) Global Patterns of Terrestrial Vertebrate Diversity and Conservation. PNAS 110(28): E2602-E2610. doi: /pnas (PDF)

19

20 Filogenia Gymnophiona (Komei et al., 2012)

21 Anfíbios: Anura Fotos: AP Lima & W Magnusson

22 Sapos, rãs, pererecas Famílias, 539 gênero, espécies (Frost, 2016) Jenkins, CN, SL Pimm, LN Joppa (2013) Global Patterns of Terrestrial Vertebrate Diversity and Conservation. PNAS 110(28): E2602-E2610. doi: /pnas (PDF)

23

24 Padrões de distribuição na América do Sul

25 Padrões de distribuição na América do Sul Região Neotropical (Duellman 1999): - Topografia ½ das espécies em regiões com terras altas (~1.000 m) - Clima (alta correlação com umidade e temperatura) - Vegetação (florestas tropicais) - Eventos históricos (mudanças climáticas, troca de fauna com a América do Norte, especiação alopátrica, teoria dos refúgios, mudanças nos sistemas dos rios)

26 Amazônia Brasileira 160 espécies (Azevedo-Ramos & Galatti 2002) 232 espécies (Avila-Pires et al. 2007)

27 Amazônia Brasileira: 332 espécies (Hoogmoed, 2017): - Gymnophiona: 18 espécies - Caudata: 5 espécies - Anura: 308 espécies

28

29 Reserva Ducke 53 espécies 41 típicas de florestas Reserva Ducke Manaus Lima et al. 2012

30 INPA 13 espécies 5 típicas de florestas Cordeiro & Sanaiotti 2003

31 UFAM 30 espécies 19 típicas de florestas Cordeiro & Sanaiotti 2003, Tsuji-Nishikido & Menin 2011

32 Diversidade - Número de espécies é amplamente subestimado - Existem espécies amplamente distribuídas (ex. Hypsiboas boans, Pipa pipa) - Muitos complexos de espécies, com diversas espécies crípticas (ex. Leptodactylus grupo marmoratus, Rhinella grupo margaritifera, Dendropsophus spp.) - Estimativas de diversidade (Fouquet et al. 2007): Amazônia: América do Sul:

33 Número de espécies descritas Duellman 1999

34 Número de espécies descritas Duellman 1999

35 Espécies crípticas: duas ou mais espécies distintas que são erroneamente classificadas sob um único nome específico.

36 Allobates nidicola Allobates masniger Tsuji-Nishikido et al. 2012

37

38 Allobates hodli

39 Reprodução

40 Gymnophiona: fertilização interna; ovíparos ou vivíparos Typhlonectes compressicauda Siphonops annulatus

41 Gymnophiona: Phallodeum Duellman & Trueb 1994

42 Duellman & Trueb 1994 Gymnophiona: Ichthyophiidae

43 Kupfer et al Boulengerula taitanus (Gymnophiona)

44 Caudata: fertilização interna com espermatóforo Bolitoglossa paraensis (Plethodontidae)

45 Stebbins & Cohen 1995

46 Caudata: Salamandridae Caudata: Plethodontidae Pough et al. 2003

47 Caudata: Espermatóforo Pough et al. 2003

48 Viviparidade Salamandra atra e S. lanzai (Salamandridae) Salamandra atra 2008 Paul Bachhausen

49 Modos reprodutivos ANURA Definição: a combinação de fatores relacionados à oviposição e desenvolvimento, incluindo o sítio de oviposição, características do ovo e da desova, taxa e duração do desenvolvimento, estágio e tamanho do girino na eclosão e tipo de cuidado parental, quando presente. Ovos e larvas aquáticos - viviparidade Mundo: 39 modos reprodutivos (Haddad & Prado 2005) Amazônia: 16 modos reprodutivos

50 Comunicação Acústica

51 Rhinella merianae Trachycephalus resinifictrix

52 Physalaemus ephippifer (Leptodactylidae)

53 Sonograma Chiasmocleis hudsoni (Microhylidae) Espectrograma Oscilograma Rodrigues et al. 2008

54 Synapturanus mirandaribeiroi Menin et al Synapturanus salseri

55 Fotos: David Telles Hypsiboas cinerascens (Hylidae)

56 Hickman et al. 2004

57 Ovos e girinos aquáticos Rhinella merianae Atelopus spumarius Rhinella marina Fotos: W. Magnusson & A. Lima Rhinella proboscidea

58 Amazophrynella manaos (Bufonidae) Fotos: W. Magnusson & A. Lima

59 Chiasmocleis hudsoni (Microhylidae) Foto: AP Lima & WE Magnusson

60 Rodrigues et al., 2008

61 Fotos: DJ Rorigues

62 Hypsiboas boans (Hylidae) Fotos: W. Magnusson & A. Lima

63 Ovos arbóreos, girinos aquáticos Phyllomedusa bicolor (Hylidae) Fotos: W. Magnusson

64 Osteocephalus oophagus (Hylidae) Fotos: W. Magnusson & W.Hödl

65 Trachycephalus resinifictrix (Hylidae)

66 Vitreorana oyampiensis (Centrolenidae) Fotos: W. Magnusson & A. Lima

67 Menin et al., 2009

68 Ovos em ninhos de espuma Leptodactylus knudseni (Leptodactylidae) Fotos: W. Magnusson & W.Hödl

69 Leptodactylus rhodomystax (Leptodactylidae) Foto: AP Lima & WE Magnusson

70 Rodrigues et al., 2007

71 Leptodactylus petersii (Leptodactylidae) Fotos: W. Magnusson & A. Lima

72 Adenomera andreae (Leptodactylidae) Fotos: W. Magnusson & A. Lima

73 Menin et al., 2009

74 Ovos terrestres, girinos aquáticos Allobates sumtuosus (Aromobatidae) Foto: W. Magnusson & A. Lima

75 Foto: W. Magnusson & A. Lima Allobates femoralis (Aromobatidae)

76 Desenvolvimento no ninho Synapturanus mirandaribeiroi (Microhylidae) Synapturanus cf. salseri (Microhylidae) Fotos: W. Magnusson & A. Lima

77 Menin et al Synapturanus mirandaribeiroi e S. salseri

78 Menin et al., 2007

79 Ovos no dorso da fêmea Pipa pipa (Pipidae) Foto: W.Magnusson

80 Desenvolvimento direto Pristimantis fenestratus (Craugastoridae) Foto da espécie: W. Magnusson & A. Lima

81 Ovoviviparidade Eleutherodactylus jasperi (Eleutherodactylidae)

82 Ovoviviparidade Limnonectes larvaepartus (Dicroglossidae) Iskandar et al., 2014 Local: ilha de Sulawesi, Indonésia

83 Ovoviviparidade Nectophrynoides (Bufonidae) N. poyntoni N. viviparus

84 Viviparidade Nimbaphrynoides (Bufonidae) N. occidentalis N. liberiensis

85

ZOOLOGIA DE VERTEBRADOS

ZOOLOGIA DE VERTEBRADOS ZOOLOGIA DE VERTEBRADOS CURSO: Ciências Biológicas 3º Ano 2º semestre 10ª Aula Biologia de anfíbios (Ministrante: Profa. Dra. Virginia S. Uieda) Professores Responsáveis: Virgínia Sanches Uieda (Integral)

Leia mais

História Natural dos Anfíbios Anuros

História Natural dos Anfíbios Anuros História Natural dos Anfíbios Anuros 1. Reconhecimento dos principais grupos de anuros Neotropicais 2. História Natural (modos de reprodução) 3. O sistema de comunicação dos anuros 4. Desenvolvimento,

Leia mais

Identificação de anfíbios

Identificação de anfíbios Identificação de anfíbios Ordem Caudata 9 famílias viventes + 4 extintas 571 espécies Ordem Gymnophiona 3 famílias viventes 171 espécies Ordem Anura 48 famílias viventes + 1 extinta 5602 espécies (Frost

Leia mais

Filo Cordados - Vertebrados. ANFÍBIOS Classificação

Filo Cordados - Vertebrados. ANFÍBIOS Classificação Filo Cordados - Vertebrados ANFÍBIOS Classificação Características gerais Anfi dois / Bio - Vida 4800 espécies Dependência da água (reprodução) Ovulíparos Larva = Girino, axolote Pecilotérmicos ou ectotérmicos

Leia mais

RELAÇÃO ENTRE MORFOLOGIA E UTILIZAÇÃO DO MICROAMBIENTE.

RELAÇÃO ENTRE MORFOLOGIA E UTILIZAÇÃO DO MICROAMBIENTE. RELAÇÃO ENTRE MORFOLOGIA E UTILIZAÇÃO DO MICROAMBIENTE. Ailton Jacinto Silvério Junior, Ana Cristina Silva, Geraldo Freire, Lucirene Rodrigues, Mariana Garcez Stein e Mônica Negão. Resumo: A especificidade

Leia mais

Anfíbios do Parque Ambiental Chico Mendes, Rio Branco Acre, Brasil

Anfíbios do Parque Ambiental Chico Mendes, Rio Branco Acre, Brasil Biotemas, 29 (1): 85-95, março de 2016 ISSNe 2175-7925 85 http://dx.doi.org/10.5007/2175-7925.2016v29n1p85 Anfíbios do Parque Ambiental Chico Mendes, Rio Branco Acre, Brasil Nathocley Mendes Venâncio 1

Leia mais

Relatório Parcial FCTY-RTP-HPT Referência: Diagnóstico da Herpetofauna. Fevereiro/2014. At.: Gerência de Sustentabilidade FCTY

Relatório Parcial FCTY-RTP-HPT Referência: Diagnóstico da Herpetofauna. Fevereiro/2014. At.: Gerência de Sustentabilidade FCTY Relatório Parcial FCTY-RTP-HPT-001-01-14 Referência: Diagnóstico da Herpetofauna. Fevereiro/2014 At.: Gerência de Sustentabilidade FCTY Fevereiro de 2014 1 APRESENTAÇÃO... 1 2 METODOLOGIA... 2 3 RESULTADOS

Leia mais

Lissamphibia Anfíbios atuais

Lissamphibia Anfíbios atuais Lissamphibia Anfíbios atuais Lissamphibia Anfíbios atuais Três grupos surgiram e datam de mais de 200 milhões de anos atrás no Jurássico. Sapos, salamandras e cecílias 4.000 espécies que apresentam muitos

Leia mais

Anfíbios anuros da Reserva Extrativista Riozinho do Anfrísio (Pará, Brasil)

Anfíbios anuros da Reserva Extrativista Riozinho do Anfrísio (Pará, Brasil) Gaia Scientia (2014) Volume 8 (1): 156-173 Versão Online ISSN 1981-1268 http://periodicos.ufpb.br/ojs2/index.php/gaia/index Anfíbios anuros da Reserva Extrativista Riozinho do Anfrísio (Pará, Brasil) Flávio

Leia mais

Atividade reprodutiva de Rhinella gr. margaritifera (Anura; Bufonidae) em poça temporária no município de Serra do Navio, Amapá.

Atividade reprodutiva de Rhinella gr. margaritifera (Anura; Bufonidae) em poça temporária no município de Serra do Navio, Amapá. NOTA CIENTÍFICA DOI: http://dx.doi.org/10.18561/2179-5746/biotaamazonia.v3n3p188-192 Atividade reprodutiva de Rhinella gr. margaritifera (Anura; Bufonidae) em poça temporária no município de Serra do Navio,

Leia mais

CAPÍTULO 2 ANDAMENTO DO PROJETO BÁSICO AMBIENTAL

CAPÍTULO 2 ANDAMENTO DO PROJETO BÁSICO AMBIENTAL CAPÍTULO 2 ANDAMENTO DO PROJETO BÁSICO AMBIENTAL Anexo 12.3.2-2 Metodologia de marcação de anfíbios, lagartos, crocodilianos, marsupiais e alguns grupos de mamíferos de médio e grande porte, autorizada

Leia mais

Anfíbios Fisiologia Exercícios Curiosidades CLASSE AMPHIBIA. Biologia. C4 H14, 15, 16 Professor João

Anfíbios Fisiologia Exercícios Curiosidades CLASSE AMPHIBIA. Biologia. C4 H14, 15, 16 Professor João CLASSE AMPHIBIA Biologia C4 H14, 15, 16 Professor João Características gerais Classificação Características gerais Anfíbio = anfi + bio Dupla vida (desenvolvimento indireto: fase larval aquática e adulto

Leia mais

Biota Neotropica ISSN: Instituto Virtual da Biodiversidade Brasil

Biota Neotropica ISSN: Instituto Virtual da Biodiversidade Brasil Biota Neotropica ISSN: 1676-0611 cjoly@unicamp.br Instituto Virtual da Biodiversidade Brasil Bernarde, Paulo Sérgio Ambientes e temporada de vocalização da anurofauna no Município de Espigão do Oeste,

Leia mais

Título: Similaridade de anfíbios anuros em áreas de Savana Amazônica, Floresta

Título: Similaridade de anfíbios anuros em áreas de Savana Amazônica, Floresta Running head: Anuros da Savana Amazônica de Carajás Título: Similaridade de anfíbios anuros em áreas de Savana Amazônica, Floresta Nacional de Carajás, Pará, Brasil Autores: Leandra Cardoso Pinheiro 1,

Leia mais

COLONIZAÇÃO POR ANFÍBIOS E LAGARTOS DE ÁREAS REFLORESTADAS NO PLATÔ SARACÁ, REGIÃO DE PORTO TROMBETAS-PARÁ

COLONIZAÇÃO POR ANFÍBIOS E LAGARTOS DE ÁREAS REFLORESTADAS NO PLATÔ SARACÁ, REGIÃO DE PORTO TROMBETAS-PARÁ MUSEU PARAENSE EMÍLIO GOELDI UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ZOOLOGIA CURSO DE MESTRADO EM ZOOLOGIA COLONIZAÇÃO POR ANFÍBIOS E LAGARTOS DE ÁREAS REFLORESTADAS NO PLATÔ SARACÁ,

Leia mais

RIQUEZA DE ESPÉCIES DE ANFÍBIOS ANUROS EM UM FRAGMENTO FLORESTAL NA ÁREA URBANA DE MANAUS, AMAZONAS, BRASIL

RIQUEZA DE ESPÉCIES DE ANFÍBIOS ANUROS EM UM FRAGMENTO FLORESTAL NA ÁREA URBANA DE MANAUS, AMAZONAS, BRASIL 131 RIQUEZA DE ESPÉCIES DE ANFÍBIOS ANUROS EM UM FRAGMENTO FLORESTAL NA ÁREA URBANA DE MANAUS, AMAZONAS, BRASIL Emerson Pontes da Silva 1, Telêmaco Jason Mendes-Pinto 2,3, Luiz Henrique Claro Júnior 1

Leia mais

Riqueza da anurofauna no Campus Experimental Cauamé, Roraima.

Riqueza da anurofauna no Campus Experimental Cauamé, Roraima. Riqueza da anurofauna no Campus Experimental Cauamé, Roraima. Herlem almeida de Carvalho 1 Eliza Ribeiro Costa 2 Carlos Eduardo Quinto Brutti³ Jorge Luiz Marques Lemos 4 Maysa Almeida de Carvalho Wilson

Leia mais

RIQUEZA E COMPOSIÇÃO DE ANFÍBIOS EM ÁREA DE CERRADO FRAGMENTADA NO MUNICÍPIO DE CUIABÁ

RIQUEZA E COMPOSIÇÃO DE ANFÍBIOS EM ÁREA DE CERRADO FRAGMENTADA NO MUNICÍPIO DE CUIABÁ RIQUEZA E COMPOSIÇÃO DE ANFÍBIOS EM ÁREA DE CERRADO FRAGMENTADA NO MUNICÍPIO DE CUIABÁ Luiz Antônio Solino-Carvalho 1 Edson Viana Massoli Junior 2 Neidevon Realino de Jesus 3 Kelly Araujo da Silva 4 Jessica

Leia mais

ANFÍBIOS Características

ANFÍBIOS Características Filo Cordados - Vertebrados Tetrápodas ANFÍBIOS Características Primeiros Tetrapodas Ichthyostega Primeiro anfíbio com características mais terrestres Viveu na Groelândia, no Devoniano superior Essencialmente

Leia mais

COMPOSIÇÃO, RIQUEZA E ABUNDÂNCIA DE ESPÉCIES DE ANFÍBIOS NA REGIÃO DO MÉDIO RIO XINGU.

COMPOSIÇÃO, RIQUEZA E ABUNDÂNCIA DE ESPÉCIES DE ANFÍBIOS NA REGIÃO DO MÉDIO RIO XINGU. MUSEU PARAENSE EMÍLIO GOELDI UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ZOOLOGIA CURSO DE MESTRADO EM ZOOLOGIA COMPOSIÇÃO, RIQUEZA E ABUNDÂNCIA DE ESPÉCIES DE ANFÍBIOS NA REGIÃO DO MÉDIO

Leia mais

TÍTULO: RIQUEZA E COMPOSIÇÃO DE ANFÍBIOS ANUROS EM UMA ÁREA DE CERRADO FRAGMENTADO, CUIABÁ - MATO GROSSO

TÍTULO: RIQUEZA E COMPOSIÇÃO DE ANFÍBIOS ANUROS EM UMA ÁREA DE CERRADO FRAGMENTADO, CUIABÁ - MATO GROSSO Anais do Conic-Semesp. Volume 1, 2013 - Faculdade Anhanguera de Campinas - Unidade 3. ISSN 2357-8904 TÍTULO: RIQUEZA E COMPOSIÇÃO DE ANFÍBIOS ANUROS EM UMA ÁREA DE CERRADO FRAGMENTADO, CUIABÁ - MATO GROSSO

Leia mais

INVENTÁRIO DE ANUROS OCORRENTES NO SUDOESTE DO PARANÁ

INVENTÁRIO DE ANUROS OCORRENTES NO SUDOESTE DO PARANÁ INVENTÁRIO DE ANUROS OCORRENTES NO SUDOESTE DO PARANÁ Fernando Toniazzo [PIBIC-AF/ FUNDAÇÃO ARAUCÁRIA] 1, Rodrigo Lingnau [orientador] 1, Ivanderson Borelli [PIBIC-AF/ FUNDAÇÃO ARAUCÁRIA] 1 1 Curso de

Leia mais

RIQUEZA E DISTRIBUIÇÃO ESPAÇO TEMPORAL DE ANUROS EM ÁREA REMANESCENTE DE MATA ATLÂNTICA NO ESTADO DE PERNAMBUCO.

RIQUEZA E DISTRIBUIÇÃO ESPAÇO TEMPORAL DE ANUROS EM ÁREA REMANESCENTE DE MATA ATLÂNTICA NO ESTADO DE PERNAMBUCO. RIQUEZA E DISTRIBUIÇÃO ESPAÇO TEMPORAL DE ANUROS EM ÁREA REMANESCENTE DE MATA ATLÂNTICA NO ESTADO DE PERNAMBUCO. Danielle Maria de Moraes 1 ; Tatiana Kely Conceição Manso 2 ; Vilma Lucia dos Santos Almeida

Leia mais

Filo Chordata REVISÃO

Filo Chordata REVISÃO Filo Chordata REVISÃO Cordados Avanços em aos relação invertebrados Encéfalo altamente diferenciado e protegido por uma caixa craniana Estrutura restrita ao início do desenvolvimento ou presente por toda

Leia mais

Anfíbios (Lissamphibia)

Anfíbios (Lissamphibia) 6.8 Anfíbios (Lissamphibia) da Reserva biológica de pedra talhada Sergio Potsch de Carvalho-e-Silva Ana Maria Paulino Telles de Carvalho-e-Silva Cyro de Luna-Dias Carvalho-e-Silva, S. P., A. M. P. T. Carvalho-e-Silva

Leia mais

ISSN Dezembro, Listagem dos Anuros da Estação Ecológica Nhumirim e Arredores, Pantanal Sul

ISSN Dezembro, Listagem dos Anuros da Estação Ecológica Nhumirim e Arredores, Pantanal Sul ISSN 1517-1973 Dezembro, 2003 58 Listagem dos Anuros da Estação Ecológica Nhumirim e Arredores, Pantanal Sul República Federativa do Brasil Luiz Inácio Lula da Silva Presidente Ministério da Agricultura

Leia mais

Estudando os ANUROS. Sapo, rã e perereca

Estudando os ANUROS. Sapo, rã e perereca Estudando os ANUROS Sapo, rã e perereca UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO DA BAHIA CENTRO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS, AMBI- ENTAIS E BIOLÓGICAS Curso: Biologia Licenciatura Equipe de elaboração: Aline Santos

Leia mais

O início da conquista do ambiente terrestre

O início da conquista do ambiente terrestre ANFÍBIOS Anfíbios Os anfíbios não são encontrados no ambiente marinho, apenas na água doce e em ambiente terrestre. O nome do grupo, anfíbios (do grego, amphi - dos dois lados + bios = vida), foi dado

Leia mais

ESTRATÉGIAS E MODOS REPRODUTIVOS DE ANUROS (AMPHIBIA)

ESTRATÉGIAS E MODOS REPRODUTIVOS DE ANUROS (AMPHIBIA) Volume 45(15):201-213, 2005 ESTRATÉGIAS E MODOS REPRODUTIVOS DE ANUROS (AMPHIBIA) EM UMA POÇA PERMANENTE NA SERRA DE PARANAPIACABA, SUDESTE DO BRASIL JOSÉ P. POMBAL JR. 1 CÉLIO F.B. HADDAD 2 ABSTRACT Strategies

Leia mais

TAXOCENOSE DE ANFÍBIOS ANUROS DO PARQUE ECOLÓGICO E ECOTURÍSTICO DE PEDRAS GRANDES, SUL DE SANTA CATARINA, BRASIL

TAXOCENOSE DE ANFÍBIOS ANUROS DO PARQUE ECOLÓGICO E ECOTURÍSTICO DE PEDRAS GRANDES, SUL DE SANTA CATARINA, BRASIL UNIVERSIDADE DO EXTREMO SUL CATARINENSE UNESC CURSO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS POLIANA BERNARDO PERES TAXOCENOSE DE ANFÍBIOS ANUROS DO PARQUE ECOLÓGICO E ECOTURÍSTICO DE PEDRAS GRANDES, SUL DE SANTA CATARINA,

Leia mais

ANFÍBIOS. vascularizada e sempre umedecida. Pertencentes a classe de vertebrados denominada

ANFÍBIOS. vascularizada e sempre umedecida. Pertencentes a classe de vertebrados denominada ANFÍBIOS Os anfíbios foram os primeiros vertebrados a conquistar o ambiente terrestre e atualmente existem mais de 6.400 espécies no mundo. A característica principal do grupo é o ciclo de vida dividido

Leia mais

Composição e diversidade de anfíbios anuros do campus da Universidade Federal do Amapá.

Composição e diversidade de anfíbios anuros do campus da Universidade Federal do Amapá. ARTIGO DOI: http://dx.doi.org/10.18561/2179-5746/biotaamazonia.v3n1p13-21 Composição e diversidade de anfíbios anuros do campus da Universidade Federal do Amapá. Auridan Padilha Pereira Júnior 1, Carlos

Leia mais

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Decanato Acadêmico

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Decanato Acadêmico Unidade Universitária: CCBS - CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE Curso: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS Disciplina: ZOOLOGIA III (VERTEBRADOS I) Núcleo Temático: DIVERSIDADE BIOLÓGICA Código da Disciplina: 020.1378.9

Leia mais

Chytrid fungus acts as a generalist pathogen infecting species-rich amphibian families in Brazilian rainforests

Chytrid fungus acts as a generalist pathogen infecting species-rich amphibian families in Brazilian rainforests The following supplement accompanies the article Chytrid fungus acts as a generalist pathogen infecting species-rich amphibian families in Brazilian rainforests Anyelet Valencia-Aguilar*, Gustavo Ruano-Fajardo,

Leia mais

EFICIÊNCIA DO GENE MITOCONDRIAL 16S rrna NA IDENTIFICAÇÃO DE GIRINOS (AMPHIBIA: ANURA) DA CAATINGA ALAGOANA INTRODUÇÃO

EFICIÊNCIA DO GENE MITOCONDRIAL 16S rrna NA IDENTIFICAÇÃO DE GIRINOS (AMPHIBIA: ANURA) DA CAATINGA ALAGOANA INTRODUÇÃO EFICIÊNCIA DO GENE MITOCONDRIAL 16S rrna NA IDENTIFICAÇÃO DE GIRINOS (AMPHIBIA: ANURA) DA CAATINGA ALAGOANA Marcos Jorge Matias Dubeux (1,2); Ubiratan Gonçalves (2); Tamí Mott (1,2) (1) Universidade Federal

Leia mais

Notas sobre predação de anuros em uma poça temporária no nordeste do Brasil

Notas sobre predação de anuros em uma poça temporária no nordeste do Brasil Bol. Mus. Biol. Mello Leitão (N. Sér.) 25:77-82. Julho de 2009 77 Notas sobre predação de anuros em uma poça temporária no nordeste do Brasil Ednilza M. dos Santos 1 RESUMO: Foram registrados eventos de

Leia mais

Graduação em Ciências Biológicas, DBI - UFMS. Centro de Ciências Biológicas, DBI - UFMS

Graduação em Ciências Biológicas, DBI - UFMS. Centro de Ciências Biológicas, DBI - UFMS COMUNIDADE DE ANFÍBIOS EM UM AGROECOSSITEMA SITUADO NO ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL. Letícia Ogushi Romeiro Ramires 1,4 Fernando Ibanez Martins 2 ; Franco Leandro de Souza 3 1 Graduação em Ciências Biológicas,

Leia mais

A forma do corpo provavelmente evoluiu a partir de um tipo inicial semelhante ao das salamandras, nadando por ondulações do corpo e cauda.

A forma do corpo provavelmente evoluiu a partir de um tipo inicial semelhante ao das salamandras, nadando por ondulações do corpo e cauda. Silvestre A forma do corpo provavelmente evoluiu a partir de um tipo inicial semelhante ao das salamandras, nadando por ondulações do corpo e cauda. A mudança para um anfíbio saltador pode ser relacionada

Leia mais

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Unidade Universitária: CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE Curso: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS Disciplina: ZOOLOGIA III (VERTEBRADOS I) Professor(es): Profa Dra Mônica Ponz Louro Código da Disciplina: 020.1378.9

Leia mais

ISSN Novembro, Anuros das Serras de Entorno do Pantanal Sul

ISSN Novembro, Anuros das Serras de Entorno do Pantanal Sul ISSN 1517-1973 Novembro, 2005 78 Anuros das Serras de Entorno do Pantanal Sul República Federativa do Brasil Luiz Inácio Lula da Silva Presidente Ministério da Agricultura e do Abastecimento Roberto Rodrigues

Leia mais

Anurofauna da Floresta Estacional Semidecidual da Estação Ecológica dos Caetetus, Sudeste do Brasil

Anurofauna da Floresta Estacional Semidecidual da Estação Ecológica dos Caetetus, Sudeste do Brasil Anurofauna da Floresta Estacional Semidecidual da Estação Ecológica dos Caetetus, Sudeste do Brasil Brassaloti, R.A. et al. Biota Neotrop. 2010, 10(1): 275-292. On line version of this paper is available

Leia mais

TÍTULO: LEVANTAMENTO DE ANFÍBIOS NA FAZENDA SANTO ANTONIO, AGUDOS, SÃO PAULO

TÍTULO: LEVANTAMENTO DE ANFÍBIOS NA FAZENDA SANTO ANTONIO, AGUDOS, SÃO PAULO TÍTULO: LEVANTAMENTO DE ANFÍBIOS NA FAZENDA SANTO ANTONIO, AGUDOS, SÃO PAULO CATEGORIA: EM ANDAMENTO ÁREA: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E SAÚDE SUBÁREA: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS INSTITUIÇÃO: FACULDADE ANHANGUERA DE

Leia mais

ANFÍBIOS ANUROS DE UMA ÁREA DA SERRA DO SUDESTE, RIO GRANDE DO SUL (CAÇAPAVA DO SUL)

ANFÍBIOS ANUROS DE UMA ÁREA DA SERRA DO SUDESTE, RIO GRANDE DO SUL (CAÇAPAVA DO SUL) BIODIVERSIDADE PAMPEANA ISSN 1679-6179 PUCRS, Uruguaiana, 8(1): 19-24, dez. 2010 ANFÍBIOS ANUROS DE UMA ÁREA DA SERRA DO SUDESTE, RIO GRANDE DO SUL (CAÇAPAVA DO SUL) Adriane de Oliveira TRINDADE 1 ; Stefan

Leia mais

Lista dos anuros da Estação Ecológica Nhumirim e das serras de entorno do Pantanal Sul

Lista dos anuros da Estação Ecológica Nhumirim e das serras de entorno do Pantanal Sul Lista dos anuros da Estação Ecológica Nhumirim e das serras de entorno do Pantanal Sul Marcelo Gordo 1 ; Zilca Campos 2 1 Universidade Federal do Amazonas, Departamento de Biologia, Manaus, AM. 2 Embrapa

Leia mais

Dieta, Dimorfismo e Polimorfismo de Pseudopaludicola sp. em Área de Campo Alagada

Dieta, Dimorfismo e Polimorfismo de Pseudopaludicola sp. em Área de Campo Alagada Dieta, Dimorfismo e Polimorfismo de Pseudopaludicola sp. em Área de Campo Alagada Danilo Fortunato, Gustavo Leite, Lucirene Rodrigues, Mariana Garcez Stein, Mônica Negrão e Tarik Plaza Resumo Existem poucos

Leia mais

P E I X E S. Quanto ao esqueleto:

P E I X E S. Quanto ao esqueleto: P E I X E S Quanto ao esqueleto: OSTEÍCTES Esqueleto ósseo EX.: Sardinha, Dourado, Cioba etc. CONDRÍCTES Esqueleto Cartilaginoso EX.: Tubarão, Raia etc. O Peixe por fora CIÊNCIAS NO DIA-A-DIA SITUAÇÃO

Leia mais

ESPÉCIES ARBÓREAS DA BACIA DO RIO MAUÉS-MIRI, MAUÉS AMAZONAS

ESPÉCIES ARBÓREAS DA BACIA DO RIO MAUÉS-MIRI, MAUÉS AMAZONAS INTRODUÇÃO REVISTA DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO IFAM ESPÉCIES ARBÓREAS DA BACIA DO RIO MAUÉS-MIRI, MAUÉS AMAZONAS Rodrigo Teixeira Caldas 1 Peter Wimmer 2 A Amazônia possui 300 mil quilômetros2

Leia mais

Primeiros vertebrados capazes de viver em terra. Graças ao fortalecimento da coluna vertebral; desenvolvimento de ossos e músculos das pernas.

Primeiros vertebrados capazes de viver em terra. Graças ao fortalecimento da coluna vertebral; desenvolvimento de ossos e músculos das pernas. ANFÍBIOS QUEM SÃO? INTRODUÇÃO Primeiros vertebrados capazes de viver em terra. Graças ao fortalecimento da coluna vertebral; desenvolvimento de ossos e músculos das pernas. Pernas sustentam e deslocam

Leia mais

Distribuição Espacial e Temporal de uma Comunidade de Anfíbios Anuros do Município de Rio Claro, São Paulo, Brasil

Distribuição Espacial e Temporal de uma Comunidade de Anfíbios Anuros do Município de Rio Claro, São Paulo, Brasil Recebido em: 13/02/2002 Holos Environment, v. 3, n. 2, 2003 P. 136-149 Publicado em: 18/12/2003 ISSN: 1519-8421 Distribuição Espacial e Temporal de uma Comunidade de Anfíbios Anuros do Município de Rio

Leia mais

Primeiros vertebrados capazes de viver em terra. Graças ao fortalecimento da coluna vertebral; desenvolvimento de ossos e músculos das pernas.

Primeiros vertebrados capazes de viver em terra. Graças ao fortalecimento da coluna vertebral; desenvolvimento de ossos e músculos das pernas. ANFÍBIOS QUEM SÃO? INTRODUÇÃO Primeiros vertebrados capazes de viver em terra. Graças ao fortalecimento da coluna vertebral; desenvolvimento de ossos e músculos das pernas. Pernas sustentam e deslocam

Leia mais

DISTRIBUIÇÃO ESPACIAL DE ANUROS E LAGARTOS AO LONGO DE GRADIENTES AMBIENTAIS EM UMA FLORESTA DE TERRA FIRME NA AMAZÔNIA ORIENTAL, PARÁ, BRASIL

DISTRIBUIÇÃO ESPACIAL DE ANUROS E LAGARTOS AO LONGO DE GRADIENTES AMBIENTAIS EM UMA FLORESTA DE TERRA FIRME NA AMAZÔNIA ORIENTAL, PARÁ, BRASIL MUSEU PARAENSE EMÍLIO GOELDI UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ZOOLOGIA CURSO DE MESTRADO EM ZOOLOGIA DISTRIBUIÇÃO ESPACIAL DE ANUROS E LAGARTOS AO LONGO DE GRADIENTES AMBIENTAIS

Leia mais

ANUROFAUNA EM ÁREA ANTROPIZADA NO CAMPUS ULBRA, CANOAS, RIO GRANDE DO SUL, BRASIL

ANUROFAUNA EM ÁREA ANTROPIZADA NO CAMPUS ULBRA, CANOAS, RIO GRANDE DO SUL, BRASIL BIODIVERSIDADE PAMPEANA ISSN 1679-6179 PUCRS, Uruguaiana, 6(2): 39-43, dez. 2008 ANUROFAUNA EM ÁREA ANTROPIZADA NO CAMPUS ULBRA, CANOAS, RIO GRANDE DO SUL, BRASIL Ricardo Garcia RODRIGUES 1,3 ; Iberê Farina

Leia mais

COMPOSIÇÃO E DISTRIBUIÇÃO ESPAÇO-TEMPORAL DE ANUROS NO CARIRI PARAIBANO, NORDESTE DO BRASIL

COMPOSIÇÃO E DISTRIBUIÇÃO ESPAÇO-TEMPORAL DE ANUROS NO CARIRI PARAIBANO, NORDESTE DO BRASIL COMPOSIÇÃO E DISTRIBUIÇÃO ESPAÇO-TEMPORAL DE ANUROS NO CARIRI PARAIBANO 383 COMPOSIÇÃO E DISTRIBUIÇÃO ESPAÇO-TEMPORAL DE ANUROS NO CARIRI PARAIBANO, NORDESTE DO BRASIL Washington Luiz da Silva Vieira 1,Cristina

Leia mais

Herpetofauna de fragmentos de floresta estacional semidecidual na região de Sorocaba - SP

Herpetofauna de fragmentos de floresta estacional semidecidual na região de Sorocaba - SP UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE FILOSOFIA, CIÊNCIAS E LETRAS DE RIBEIRÃO PRETO DEPARTAMENTO DE BIOLOGIA Herpetofauna de fragmentos de floresta estacional semidecidual na região de Sorocaba - SP

Leia mais

I Expedição Científica à Floresta Nacional do Pau-Rosa, Município de Maués, Estado do Amazonas, Brasil. Inventário da Herpetofauna: Rio Paraconi

I Expedição Científica à Floresta Nacional do Pau-Rosa, Município de Maués, Estado do Amazonas, Brasil. Inventário da Herpetofauna: Rio Paraconi Relatório de Atividades I Expedição Científica à Floresta Nacional do Pau-Rosa, Município de Maués, Estado do Amazonas, Brasil. Inventário da Herpetofauna: Rio Paraconi Biólogos Responsáveis: Marcelo José

Leia mais

MONITORAMENTO DE ANFÍBIOS ATROPELADOS NO EIXO DA RODOVIA DO PARQUE BR-448 ATRAVÉS DO CAMINHAMENTO

MONITORAMENTO DE ANFÍBIOS ATROPELADOS NO EIXO DA RODOVIA DO PARQUE BR-448 ATRAVÉS DO CAMINHAMENTO MONITORAMENTO DE ANFÍBIOS ATROPELADOS NO EIXO DA RODOVIA DO PARQUE BR-448 ATRAVÉS DO CAMINHAMENTO Rodrigo Souza Torres*, Andrea Pedron, Andressa Krewer Facin, Letícia Coradini Frantz, Catarina Silveira

Leia mais

ANUROS DE ÁREAS CONSERVADAS E URBANIZADAS DO MUNICÍPIO DE IPORANGA, ESTADO DE SÃO PAULO, BRASIL

ANUROS DE ÁREAS CONSERVADAS E URBANIZADAS DO MUNICÍPIO DE IPORANGA, ESTADO DE SÃO PAULO, BRASIL 1 ISAIAS SANTOS ANUROS DE ÁREAS CONSERVADAS E URBANIZADAS DO MUNICÍPIO DE IPORANGA, ESTADO DE SÃO PAULO, BRASIL Trabalho de conclusão de Curso apresentado ao IPESSP, como requisito parcial para obtenção

Leia mais

Revestimento corporal

Revestimento corporal Répteis Répteis Os répteis (do latim reptare, 'rastejar') abrangem cerca de 7 mil espécies conhecidas. Eles surgiram há cerca de 300 milhões de anos, tendo provavelmente evoluído de certos anfíbios. Foram

Leia mais

Modo reprodutivo de Leptodactylus natalensis Lutz, 1930 (Amphibia, Anura, Leptodactylidae)

Modo reprodutivo de Leptodactylus natalensis Lutz, 1930 (Amphibia, Anura, Leptodactylidae) Modo reprodutivo de Leptodactylus natalensis Lutz, 1930 (Amphibia, Anura, Leptodactylidae) ISSN 1517-6770 Ednilza Maranhão dos Santos 1, Fabiana de Oliveira Amorim 2 Reproductive mode of Leptodactylus

Leia mais

Filo Chordata Super Classe Tetrapoda Classe Amphibia

Filo Chordata Super Classe Tetrapoda Classe Amphibia Filo Chordata Super Classe Tetrapoda Classe Amphibia TETRAPODES gr. tetra + podos Representam os vertebrados que invadiram o meio terrestre - 4 extremidades destinadas à locomoção - em oposição aos Pisces,

Leia mais

Ficha de trabalho de Ciências Naturais 5º ano

Ficha de trabalho de Ciências Naturais 5º ano Ficha de trabalho de Ciências Naturais 5º ano Questão 1 A reprodução assexuada... implica a formação de gâmetas. ocorre em animais como a planária e a esponja. origina descendentes da mesma espécie. ocorre

Leia mais

Tetrápodes e a Conquista do Ambiente Terrestre

Tetrápodes e a Conquista do Ambiente Terrestre Tetrápodes e a Conquista do Ambiente Terrestre Formação dos Elementos de Apoio Conquista da Terra A transição da água para a terra é talvez o evento mais dramático da evolução animal. Podemos perceber

Leia mais

O ESPAÇO ACÚSTICO EM UMA TAXOCENOSE DE ANUROS (AMPHIBIA) DO SUDESTE DO BRASIL 1

O ESPAÇO ACÚSTICO EM UMA TAXOCENOSE DE ANUROS (AMPHIBIA) DO SUDESTE DO BRASIL 1 Arquivos do Museu Nacional, Rio de Janeiro, v.68, n.1-2, p.135-144, jan./jun.2010 ISSN 0365-4508 O ESPAÇO ACÚSTICO EM UMA TAXOCENOSE DE ANUROS (AMPHIBIA) DO SUDESTE DO BRASIL 1 (Com 2 figuras) JOSÉ P.

Leia mais

ANUROFAUNA DA ÁREA DO CENTRO UNIVERSITÁRIO NILTON LINS, MANAUS, AMAZONAS, BRASIL (AMPHIBIA; ANURA)

ANUROFAUNA DA ÁREA DO CENTRO UNIVERSITÁRIO NILTON LINS, MANAUS, AMAZONAS, BRASIL (AMPHIBIA; ANURA) 13 ANUROFAUNA DA ÁREA DO CENTRO UNIVERSITÁRIO NILTON LINS, MANAUS, AMAZONAS, BRASIL (AMPHIBIA; ANURA) Romeu Gonçalves Queiroz Filho 1 ; Telêmaco Jason Mendes-Pinto 2 ; Ana Cristina Fragoso 3 RESUMO - Este

Leia mais

Composição, distribuição espacial e sazonal da anurofauna de córrego e lagoa em uma região montana no sudeste do Brasil

Composição, distribuição espacial e sazonal da anurofauna de córrego e lagoa em uma região montana no sudeste do Brasil UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO INSTITUTO DE CIÊNCIAS EXATAS E BIOLÓGICAS DEPARTAMENTO DE BIODIVERSIDADE, EVOLUÇÃO E MEIO AMBIENTE PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ECOLOGIA DE BIOMAS TROPICAIS Dissertação

Leia mais

Taxocenose de anfíbios anuros no Cerrado do Alto Tocantins, Niquelândia, Estado de Goiás: diversidade, distribuição local e sazonalidade

Taxocenose de anfíbios anuros no Cerrado do Alto Tocantins, Niquelândia, Estado de Goiás: diversidade, distribuição local e sazonalidade Taxocenose de anfíbios anuros no Cerrado do Alto Tocantins, Niquelândia, Estado de Goiás: diversidade, distribuição local e sazonalidade Biota Neotrop. 2009, 9(4): 000-000. On line version of this paper

Leia mais

Anfíbios de dois fragmentos de Mata Atlântica no município de Rio Novo, Minas Gerais

Anfíbios de dois fragmentos de Mata Atlântica no município de Rio Novo, Minas Gerais ISSN 1517-6770 Anfíbios de dois fragmentos de Mata Atlântica no município de Rio Novo, Minas Gerais Gelson Genaro Renato Neves Feio 1 & Paula Leão Ferreira 1 Amphibians of two fragments of Atlantic Forest

Leia mais

Anurofauna de uma área do domínio da Mata Atlântica no Sul do Brasil, Morro do Coco, Viamão, RS

Anurofauna de uma área do domínio da Mata Atlântica no Sul do Brasil, Morro do Coco, Viamão, RS MOUSEION (ISSN 1981-7207) http://www.revistas.unilasalle.edu.br/index.php/mouseion Canoas, n. 14, abr. 2013 Anurofauna de uma área do domínio da Mata Atlântica no Sul do Brasil, Morro do Coco, Viamão,

Leia mais

Anfíbios. Caroline Zank Ana Carolina Anés Patrick Colombo Márcio Borges Martins

Anfíbios. Caroline Zank Ana Carolina Anés Patrick Colombo Márcio Borges Martins Anfíbios Caroline Zank Ana Carolina Anés Patrick Colombo Márcio Borges Martins Habitantes 1A 1B Os anfíbios são os animais popularmente conhecidos como sapos, rãs, pererecas, salamandras, tritões, cobras-cegas,

Leia mais

20. Anfíbios. Márcio Borges-Martins, Patrick Colombo, Caroline Zank, Fernando Gertum Becker & Maria Tereza Queiroz Melo

20. Anfíbios. Márcio Borges-Martins, Patrick Colombo, Caroline Zank, Fernando Gertum Becker & Maria Tereza Queiroz Melo 20. Anfíbios Márcio Borges-Martins, Patrick Colombo, Caroline Zank, Fernando Gertum Becker & Maria Tereza Queiroz Melo 276 Introdução Os anfíbios são um dos grupos de tetrápodos atuais mais diversificados,

Leia mais

Anfíbios. na Tapada Nacional de Mafra

Anfíbios. na Tapada Nacional de Mafra Anfíbios na Tapada Nacional de Mafra CURIOSIDADES Urodelo é o nome dado a um grupo de anfíbios que se caracteriza por ter o corpo alongado, 4 patas de tamanho similar e cauda alongada, como as salamandras

Leia mais

Amphibians of the state of Piauí, Northeastern Brazil: a preliminary assessment

Amphibians of the state of Piauí, Northeastern Brazil: a preliminary assessment Amphibians of the state of Piauí, Northeastern Brazil: a preliminary assessment Roberto, I.J. et al. Biota Neotrop. 2013, 13(1): 322-330. On line version of this paper is available from: /v13n1/en/abstract?inventory+bn04113012013

Leia mais

Cássio Zocca¹,*, João Filipe Riva Tonini² & Rodrigo Barbosa Ferreira 1,3

Cássio Zocca¹,*, João Filipe Riva Tonini² & Rodrigo Barbosa Ferreira 1,3 Bol. Mus. Biol. Mello Leitão (N. Sér.) 35:105-117. Julho de 2014 Uso do espaço por anuros em ambiente urbano de Santa Teresa, Espírito Santo Cássio Zocca¹,*, João Filipe Riva Tonini² & Rodrigo Barbosa

Leia mais

CURSO COMPLETO DE RANICULTURA Prof. Haroldo Paulo ( Zootecnista ) fundador e dono do Ranário Mandala desde 1987

CURSO COMPLETO DE RANICULTURA Prof. Haroldo Paulo ( Zootecnista ) fundador e dono do Ranário Mandala desde 1987 CURSO COMPLETO DE RANICULTURA Prof. Haroldo Paulo ( Zootecnista ) fundador e dono do Ranário Mandala desde 1987 Preço : R$ 1.760,00 ( acompanhante desconto de 90% ) INSCRIÇÃO por depósito bancário : 50%

Leia mais

Dispersão. Biogeografia. Maratona de Biogeografia Fundamentos de Ecologia e Modelagem Ambiental Aplicados à Conservação da Biodiversidade

Dispersão. Biogeografia. Maratona de Biogeografia Fundamentos de Ecologia e Modelagem Ambiental Aplicados à Conservação da Biodiversidade Biogeografia Dispersão Maratona de Biogeografia Fundamentos de Ecologia e Modelagem Ambiental Aplicados à Conservação da Biodiversidade Vivian F. Renó 29/03/2012 O que é dispersão? Movimento de um organismo

Leia mais

COMUNIDADE DE ANUROS, NA FAZENDA VALE DO IPÊ, NO MUNICÍPIO DE MONTES CLAROS DE GOIÁS, BRASIL

COMUNIDADE DE ANUROS, NA FAZENDA VALE DO IPÊ, NO MUNICÍPIO DE MONTES CLAROS DE GOIÁS, BRASIL COMUNIDADE DE ANUROS, NA FAZENDA VALE DO IPÊ, NO MUNICÍPIO DE MONTES CLAROS DE GOIÁS, BRASIL LUCIANO MENDES RODRIGUES 1, DHEGO RAMON DOS SANTOS 2, THIAGO BARBOSA DA SILVEIRA 1 E DANIEL BLAMIRES 3 Recebido

Leia mais

BOLETIM DO MUSEU NACIONAL NOVA SÉRIE RIO DE JANEIRO - BRASIL

BOLETIM DO MUSEU NACIONAL NOVA SÉRIE RIO DE JANEIRO - BRASIL BOLETIM DO MUSEU NACIONAL NOVA SÉRIE RIO DE JANEIRO - BRASIL ISSN 0080-312X ZOOLOGIA N o 510 12 DE SETEMBRO DE 2003 COMPORTAMENTO REPRODUTIVO, VOCALIZAÇÃO E REDESCRIÇÃO DO GIRINO DE PHRYNOHYAS MESOPHAEA

Leia mais

uros (Amphibia) Robson Waldemar Ávila 1 & Vanda Lúcia Ferreira 2

uros (Amphibia) Robson Waldemar Ávila 1 & Vanda Lúcia Ferreira 2 Riqueza e densidade de vocalizações de anur uros (Amphibia) em uma área urbana de Corumbá, Mato Grosso do Sul, Brasil Robson Waldemar Ávila 1 & Vanda Lúcia Ferreira 2 1 Pós-graduação em Ecologia e Conservação,

Leia mais

Diversidade e uso de hábitat da anurofauna em um fragmento de um brejo de altitude

Diversidade e uso de hábitat da anurofauna em um fragmento de um brejo de altitude Gaia Scientia (2014) Volume 8 (1): 215-225 Versão Online ISSN 1981-1268 http://periodicos.ufpb.br/ojs2/index.php/gaia/index Diversidade e uso de hábitat da anurofauna em um fragmento de um brejo de altitude

Leia mais

Sapo pigmeu: Rhinella pygmaea (Myers & Carvalho, 1952)

Sapo pigmeu: Rhinella pygmaea (Myers & Carvalho, 1952) Sapo pigmeu: Rhinella pygmaea (Myers & Carvalho, 1952) Caio A. Figueiredo-de- Andrade Leonardo Serafim da Silveira Sapo pigmeu: Rhinella pygmaea (Myers & Carvalho, 1952) Caio A. Figueiredo-de-Andrade *

Leia mais

Professora Leonilda Brandão da Silva

Professora Leonilda Brandão da Silva COLÉGIO ESTADUAL HELENA KOLODY E.M.P. TERRA BOA - PARANÁ Pág. 197 Professora Leonilda Brandão da Silva E-mail: leonildabrandaosilva@gmail.com http://professoraleonilda.wordpress.com/ PROBLEMATIZAÇÃO Conhece

Leia mais

CARACTERIZAÇÃO ACÚSTICA E POSIÇÃO TAXONÔMICA DE DUAS ESPÉCIES DE DENDROPSOPHUS (ANURA LISSAMPHIBIA) DO TRIÂNGULO MINEIRO

CARACTERIZAÇÃO ACÚSTICA E POSIÇÃO TAXONÔMICA DE DUAS ESPÉCIES DE DENDROPSOPHUS (ANURA LISSAMPHIBIA) DO TRIÂNGULO MINEIRO PIBIC-UFU, CNPq & FAPEMIG Universidade Federal de Uberlândia Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação DIRETORIA DE PESQUISA CARACTERIZAÇÃO ACÚSTICA E POSIÇÃO TAXONÔMICA DE DUAS ESPÉCIES DE DENDROPSOPHUS

Leia mais

Composição e riqueza de anfíbios anuros em remanescentes de Cerrado do Brasil Central

Composição e riqueza de anfíbios anuros em remanescentes de Cerrado do Brasil Central Composição e riqueza de anfíbios anuros em remanescentes de Cerrado do Brasil Central Priscilla G. Gambale 1,2, Manoela Woitovicz-Cardoso 3, Raísa R. Vieira 2,4, Vinícius G. Batista 1,2, Jade Ramos 4 &

Leia mais

Os Anfíbios e a Serra do Ouro Branco - Minas Gerais -

Os Anfíbios e a Serra do Ouro Branco - Minas Gerais - Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais Departamento de Biologia Animal Os Anfíbios e a Serra do Ouro Branco - Minas Gerais - Vinícius de Avelar São Pedro Mário Ribeiro de Moura Renato

Leia mais

Distribuição espacial e temporal de comunidade de anfíbios anuros de remanescente de mata na região de Botucatu, SP.

Distribuição espacial e temporal de comunidade de anfíbios anuros de remanescente de mata na região de Botucatu, SP. UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA - UNESP INSTITUTO DE BIOCIÊNCIAS Distribuição espacial e temporal de comunidade de anfíbios anuros de remanescente de mata na região de Botucatu, SP. Maria Gorete Teixeira

Leia mais

Distribuição temporal e diversidade de modos reprodutivos de anfíbios anuros no Parque Nacional das Emas e entorno, estado de Goiás, Brasil

Distribuição temporal e diversidade de modos reprodutivos de anfíbios anuros no Parque Nacional das Emas e entorno, estado de Goiás, Brasil 192 Distribuição temporal e diversidade de modos reprodutivos de anfíbios anuros no Parque Nacional das Emas e entorno, estado de Goiás, Brasil Katia Kopp 1, Luciana Signorelli 2 & Rogério P. Bastos 3

Leia mais

XIX CONGRESSO DE PÓS-GRADUAÇÃO DA UFLA 27 de setembro a 01 de outubro de 2010

XIX CONGRESSO DE PÓS-GRADUAÇÃO DA UFLA 27 de setembro a 01 de outubro de 2010 CARACTERIZAÇÃO DA ANUROFAUNA DA ÁREA DO INSTITUTO DE PERMACULTURA CERRADO-PANTANAL E MATA ATLÂNTICA, NO MUNICÍPIO DE CARRANCAS, MG. FELIPE FERNANDES 1 & MARCELO PASSAMANI 2 RESUMO Este trabalho foi realizado

Leia mais

Relato de observação de espécimes de anura na Mata Atlântica do Paraná

Relato de observação de espécimes de anura na Mata Atlântica do Paraná Relato de observação de espécimes de anura na Mata Atlântica do Paraná ALEXANDRO CÉSAR FALEIRO(UNINGÁ) 1 MELINE DAL POSSO RECCHIA(G-UNINGÁ) 3 RICARDO LOURENÇO DE MORAES(G-UNINGÁ) 3 ZELIO FEDATTO JÚNIOR(UNINGÁ)

Leia mais

Anfíbios de uma área de castanhal da Reserva Extrativista do Rio Cajari, Amapá

Anfíbios de uma área de castanhal da Reserva Extrativista do Rio Cajari, Amapá ARTIGO DOI: http://dx.doi.org/10.18561/2179-5746/biotaamazonia.v1n1p1-18 Anfíbios de uma área de castanhal da Reserva Extrativista do Rio Cajari, Amapá Suelique de Souza Queiroz 1, Andreza Ramalho da Silva

Leia mais

Título: Similaridade de anfíbios anuros em áreas de Savana Amazônica, Floresta

Título: Similaridade de anfíbios anuros em áreas de Savana Amazônica, Floresta Running head: Anuros da Savana Amazônica de Carajás Título: Similaridade de anfíbios anuros em áreas de Savana Amazônica, Floresta Nacional de Carajás, Pará, Brasil Autores: Leandra Cardoso Pinheiro 1,

Leia mais

Ecologia de uma comunidade de anuros em Botucatu, SP

Ecologia de uma comunidade de anuros em Botucatu, SP UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA CAMPUS DE BOTUCATU INSTITUTO DE BIOCIENCIAS Ecologia de uma comunidade de anuros em Botucatu, SP MARIA CLARA DA SILVA ESTEVES Dissertação apresentada ao Instituto de Biociências

Leia mais

LEVANTAMENTO DA ANUROFAUNA DO MUNICÍPIO DE MARINGÁ, PR

LEVANTAMENTO DA ANUROFAUNA DO MUNICÍPIO DE MARINGÁ, PR V EPCC Encontro Internacional de Produção Científica Cesumar 23 a 26 de outubro de 2007 LEVANTAMENTO DA ANUROFAUNA DO MUNICÍPIO DE MARINGÁ, PR Igor de Paiva Affonso¹; Emanuel Giovani Cafofo Silva²; Rosilene

Leia mais

ANFÍBIOS DA FLORESTA ESTADUAL DO UAIMIÍ (OURO PRETO, MG): COMPOSIÇÃO E ATIVIDADE REPRODUTIVA

ANFÍBIOS DA FLORESTA ESTADUAL DO UAIMIÍ (OURO PRETO, MG): COMPOSIÇÃO E ATIVIDADE REPRODUTIVA RENATA MAGALHÃES PIRANI ANFÍBIOS DA FLORESTA ESTADUAL DO UAIMIÍ (OURO PRETO, MG): COMPOSIÇÃO E ATIVIDADE REPRODUTIVA Dissertação apresentada a Universidade Federal de Viçosa, como parte das exigências

Leia mais

Anfíbios anuros em uma área de Mata Atlântica da Serra do Tabuleiro, Santa Catarina

Anfíbios anuros em uma área de Mata Atlântica da Serra do Tabuleiro, Santa Catarina Biotemas, 27 (2): 97-107, junho de 2014 ISSNe 2175-7925 97 http://dx.doi.org/10.5007/2175-7925.2014v27n2p97 Anfíbios anuros em uma área de Mata Atlântica da Serra do Tabuleiro, Santa Catarina Milena Wachlevski

Leia mais

Evolução dos vertebrados

Evolução dos vertebrados PEIXES Evolução dos vertebrados PEIXES PULMONADOS AVES ÓSSEOS ANFÍBIOS RÉPTEIS CICLÓSTOMO PEIXES MAMÍFEROS CARTILAGINOSOS Peixe Primitivo (Lampreias e Feiticeiras) Características gerais Exclusivamente

Leia mais

Anuros da Reserva Rio das Pedras, Mangaratiba, RJ, Brasil

Anuros da Reserva Rio das Pedras, Mangaratiba, RJ, Brasil Anuros da Reserva Rio das Pedras, Mangaratiba, RJ, Brasil Ana Maria Telles de Carvalho-e-Silva 1,4 ; Guilherme Ramos da Silva 2 ; Sergio Potsch de Carvalho-e-Silva 3 1 Laboratório de Biossistemática de

Leia mais

Ensino de Ciências e Origami (2008) Museu Escola do IB UNESP/Botucatu Enio Yoshinori Hayasaka e Silvia Mitiko Nishida

Ensino de Ciências e Origami (2008) Museu Escola do IB UNESP/Botucatu Enio Yoshinori Hayasaka e Silvia Mitiko Nishida AULA 4 Comportamento de reprodução de Mamíferos MOBILIZAÇÃO DA ATENÇAO Nessa aula mostrar apenas a maquete com os mamíferos e apresentar o site correspondente a matéria a ser pesquisado na Internet Como

Leia mais

Padrão reprodutivo de Elachistocleis bicolor (Anura, Microhylidae) na Serra

Padrão reprodutivo de Elachistocleis bicolor (Anura, Microhylidae) na Serra Padrão reprodutivo de Elachistocleis bicolor (Anura, Microhylidae) na Serra... 365 PADRÃO REPRODUTIVO DE ELACHISTOCLEIS BICOLOR (ANURA, MICROHYLIDAE) NA SERRA DA BODOQUENA, MATO GROSSO DO SUL, BRASIL ABSTRACT

Leia mais

Identificação dos. Anfíbios de Portugal. José Teixeira Jael Palhas

Identificação dos. Anfíbios de Portugal. José Teixeira Jael Palhas Identificação dos Anfíbios de Portugal José Teixeira Jael Palhas Anfíbios Pele nua Anuros Adultos sem cauda Urodelos Adultos com cauda Relas (2) Hábitos arbóreos, Discos aderentes nas pontas dos dedos

Leia mais