PROCESSO DE INGRESSO NA UPE Sistema Seriado de Avaliação

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PROCESSO DE INGRESSO NA UPE Sistema Seriado de Avaliação"

Transcrição

1 PROCESSO DE INGRESSO NA UPE Sistema Seriado de Avaliação DADOS DE IDENTIFICAÇÃO DO CANDIDATO Não deixe de preencher as informações a seguir: Prédio Sala Nome Nº de Identidade Órgão Expedidor UF Nº de Inscrição ATENÇÃO! Abra este Caderno quando o Aplicador de Provas autorizar o início da Prova. Observe se o Caderno está completo contendo 46 (quarenta e seis) questões de múltipla escolha das seguintes disciplinas: Biologia com 10 questões, Química com 10 questões, História com 10 questões, Geografia com 10 questões e Sociologia com 06 questões. Se o Caderno estiver incompleto ou com algum defeito gráfico que lhe cause dúvidas, informe, imediatamente, ao Aplicador de Provas. Uma vez dada a ordem de início da Prova, preencha, nos espaços apropriados, o Nome do seu prédio e o Número da sua sala, o seu Nome completo, o Número do seu Documento de Identidade, o Órgão Expedidor, a Unidade da Federação e o Número de Inscrição. Para registrar as alternativas escolhidas nas questões da prova, você receberá um Cartão-Resposta de Leitura Ótica. Verifique se o Número de Inscrição impresso no Cartão coincide com o seu Número de Inscrição. As bolhas constantes do Cartão-Resposta devem ser preenchidas totalmente, com caneta esferográfica azul ou preta. Você dispõe de 4 horas para responder à prova, já incluso o tempo destinado ao preenchimento do Cartão-Resposta. O tempo de Prova está dosado de modo a permitir-lhe fazê-la com tranquilidade. É permitido a você, após 3 horas do início da prova, retirar-se do prédio conduzindo o seu Caderno de Prova, devendo, no entanto, entregar ao Aplicador de Provas o Cartão-Resposta preenchido. Caso você não opte por levar o Caderno de Prova consigo, entregue-o ao Aplicador de Provas, não podendo, sob nenhuma alegação, deixar o Caderno em outro lugar dentro do recinto onde são aplicadas as provas. BOA PROVA!

2 BIOLOGIA 01. No clássico Moby Dick, de Herman Melville, a baleia é considerada um tipo de peixe, refletindo o pensamento de uma época. Atualmente, sabe-se que, apesar de o peixe e de a baleia serem animais vertebrados, esta não é um peixe, e o formato de seu corpo se deve à locomoção aquática, situação conhecida como convergência evolutiva. Assinale a alternativa abaixo que contempla a categoria hierárquica da nomenclatura Zoológica, à qual a baleia pertence. A) Subfilo Urochordata. B) Classe Mammalia. C) Ordem Primates. D) Família Felidae. E) Gênero Canis. 02. As infecções por superbactérias, que são resistentes a quase todos os antibióticos, e por vírus, como os da dengue, representam um grande impacto na saúde pública. Sobre essas infecções e seus respectivos agentes etiológicos, analise as afirmativas abaixo: I. As bactérias se reproduzem assexuadamente, por divisão binária, formando clones. Entretanto, pode ocorrer mistura de genes entre indivíduos diferentes, por meio dos mecanismos de recombinação genética, contribuindo para o aumento da resistência antimicrobiana. II. Alguns vírus são transmitidos ao homem por meio de vetores animais, principalmente insetos, sendo conhecidos genericamente como arbovírus, como o vírus da dengue. III. Os vírus são acelulares, parasitas intracelulares obrigatórios, logo dependem de células vivas para completar seu ciclo reprodutivo. É durante a invasão de uma célula por vírus que ocorrem várias doenças virais, como a dengue, a raiva, o sarampo, a cólera e o tétano. IV. A higiene é a principal medida preventiva contra muitas doenças. Lavar as mãos é uma medida simples, barata e eficaz na prevenção de muitas doenças bacterianas e virais, inclusive a dengue. V. Os antibióticos, que atuam bloqueando a síntese de ácidos nucleicos, atuam, com eficácia, contra as bactérias e são grandes aliados também no combate aos vírus. A) I e II. B) I e III. C) I, II e IV. D) II, III e V. E) III, IV e V. 2

3 03. A Malária é uma doença infecciosa, febril, aguda, cujos agentes etiológicos são protozoários transmitidos por vetores. Reveste-se de importância epidemiológica, atualmente, pela sua elevada incidência na região amazônica e potencial gravidade clínica. Fonte:http://portal.saude.gov.br/portal/saude/profissional/area.cfm?id_area=1526 Observe o ciclo a seguir: Fonte: Em relação ao ciclo da Malária, assinale a alternativa CORRETA. A) Uma pessoa adquire Malária ao ser picada por fêmeas infectadas do mosquito Culex, que são hematófagas. B) Na picada, as fêmeas do mosquito injetam uma secreção anticoagulante, que pode conter as formas infestantes do plasmódio, chamadas merozoítas. C) As merozoítas crescem e se transformam em formas sexuadas chamadas esporozoítas masculinos e femininos. D) Os picos de febre alta, entre 39 C e 40 C, coincidem com a ruptura das hemácias infectadas e a consequente liberação das merozoítas no plasma. E) Parte das esporozoítas penetram nas células hepáticas onde se multiplicam de modo sexuado. 3

4 04. Observe o cladograma do Reino Plantae e relacione as descrições a seguir com as classificações correspondentes. I. As sementes são produzidas em cones ou estróbilos, que podem ser masculinos ou femininos. II. São as plantas dominantes no planeta, leguminosas e gramíneas, que constituem duas famílias desse grupo, com grande importância econômica, alimentar e ecológica. III. Quando apresenta caule, este é subterrâneo do tipo rizoma, e as folhas, quando presentes, são formadas por folíolos. IV. O transporte de água e de matérias é feito por difusão, célula a célula, de forma lenta. Essa característica limita o tamanho dessas plantas, que são pequenas e delicadas e vivem geralmente em ambiente úmido e sombreado. As associações entre o cladograma e as descrições estão CORRETAS na alternativa A) I - Angiospermas; II - Briófitas ; III - Gimnospermas; IV - Pteridófitas. B) I - Briófitas; II - Pteridófitas; III - Gimnospermas; IV - Angiospermas. C) I - Briófitas; II - Angiospermas; III - Pteridófitas; IV - Gimnospermas. D) I - Gimnospermas; II - Angiospermas; III - Briófitas; IV - Pteridófitas. E) I - Gimnospermas; II - Angiospermas; III - Pteridófitas; IV - Briófitas. 05. Para algumas angiospermas, lançar o pólen ao vento é suficiente para garantir a disseminação de sementes, mas a grande maioria das plantas com flores depende de animais para espalhar seu pólen. Orquídeas, por exemplo, são flores altamente complexas. De acordo com Darwin, a evolução esticou, torceu e transformou as partes de flores comuns para criar os arcos e outros engenhos que estas usam para espalhar o seu pólen, valendo-se da coevolução com insetos. Em relação à evolução da reprodução das angiospermas, analise as afirmativas abaixo: I. As flores das angiospermas substituem os estróbilos masculino e feminino das gimnospermas. II. As fanerógamas produzem sementes envolvidas por frutos, e os gametas independem do meio líquido para se encontrarem, sendo transportados pelo processo chamado de polinização. III. Os frutos formam-se a partir do desenvolvimento da gema apical da flor e possuem papel fundamental na proteção e disseminação das sementes. IV. As diferentes estratégias de disseminação das sementes das angiospermas auxiliam na colonização de novos locais e aumentam as chances de sobrevivência das plantas-filhas, que não irão competir com a planta-mãe. Está CORRETO o que se afirma em A) I e II. B) I, II e III. C) I e IV. D) II, III e IV. E) III e IV. 4

5 06. As colunas abaixo se referem a problemas de saúde que atingem a população e que são causados por invertebrados. A 1 a coluna traz o nome do animal; a 2 a coluna refere-se a características encontradas na história dessas doenças, e a 3 a contém o nome das doenças que são causadas por esses invertebrados. Coluna 1 Coluna 2 Coluna 3 A. Ancylostoma duodenale B. Taenia solium C. Schistosoma mansoni D. Wuchereria bancrofti E. Ascaris lumbricoides 1. Nematódeo monóxeno, transmitido pela ingestão de alimentos e de água contaminados por ovos. 2. Nematódeo transmitido por penetração ativa da pele humana. 3. Platelminto trematódeo, que tem como hospedeiro intermediário o gênero Biomphalaria. 4. Platelminto hermafrodita, transmitido pela ingestão de ovos encontrados na carne de porco. 5. Nematódeo transmitido pelo mosquito do gênero Culex. I. Amarelão II. Filariose III. Teníase IV. Esquistossomose V. Ascaridíase Assinale a alternativa que contém a correlação CORRETA entre as três colunas. A) A 1 I; B 4 III; C 3 IV; D 5 II; E 2 V. B) A 2 I; B 4 III; C 5 IV; D 3 II; E 1 V. C) A 2 I; B 4 III; C 3 IV; D 5 II; E 1 V. D) A 3 III; B 4 I; C 2 IV; D 5 V; E 1 II. E) A 3 III; B 4 I; C 1 IV; D 5 V; E 2 II. 07. Ana foi, com alguns amigos, a um restaurante especializado em pescados. Ao chegarem ao recinto, o garçom sugeriu que lessem o cardápio antes de fazerem o pedido. Ana disse que não comeria animais da família das baratas, mas não fazia objeção em comer animais de corpo mole. Seu amigo Jorge afirmou que preferia comer animais cordados, pois era alérgico a crustáceos. Outro amigo, Pedro, pediu um cefalópode. 5

6 Diante do cardápio apresentado, analise as afirmações a seguir: SISTEMA SERIADO DE AVALIAÇÃO - 2ª FASE / 2º DIA I. Ana poderia comer qualquer um dos pratos, uma vez que não há nenhum animal que pertença à mesma família da barata. II. Jorge poderia comer ostras, embora preferisse peixe. III. Pedro optou por comer ostras. IV. Se apenas fosse pedido o prato de Polvo Gratinado, só Ana e Pedro poderiam comê-lo. V. O prato de lagosta poderia causar problemas de saúde a Jorge. A) I, II e V. B) I, II e IV. C) I, II e III. D) II, III e V. E) II, III e IV. 08. O médico canadense Frederick Banting ( ) juntamente com o fisiologista escocês John James Macleod ( ) e com o norte-americano Charles Best ( ), então estudante de medicina, realizaram uma série de experimentos que mudaram a história da luta da humanidade contra uma doença que até hoje é alvo de grandes preocupações. Basicamente, esses pesquisadores fecharam cirurgicamente o duto pancreático e observaram que, após algumas semanas, as células pancreáticas haviam desaparecido, restando, apenas, nesse órgão, as ilhotas de Langerhans. O extrato dessas células foi, então, administrado a cães submetidos à remoção do pâncreas, o que resultou em uma sobrevida maior para esses animais. Sobre o experimento desses pesquisadores, analise as afirmativas a seguir: I. O extrato produzido pelos pesquisadores apresenta-se rico em Glucagon hormônio regulador do metabolismo do açúcar e, por isso, foi capaz de diminuir o nível de glicose no sangue dos animais que tiveram o pâncreas retirado. II. A retirada do pâncreas nos cães aumentou o nível de glicose nos músculos e no fígado dos animais, o qual só pode ser regularizado por meio do uso do extrato. III. A remoção do pâncreas inviabiliza a vida do animal, uma vez que retira dele a capacidade de produzir insulina, o que só pôde ser sanado por meio do extrato. IV. A ausência do pâncreas fez esses animais adquirirem um quadro característico de Diabetes, que foi tratado com o uso da insulina presente nas ilhotas. A) I e II. B) I e III. C) I e IV. D) II e IV. E) III e IV. 09. Com relação ao sistema nervoso, assinale a afirmativa CORRETA. A) Fazem parte do Sistema Nervoso Periférico os nervos e gânglios que compõem a região da medula. B) Na raiz dorsal dos nervos raquidianos, encontram-se, apenas, os nervos sensitivos. C) Os nervos cranianos fazem parte do Sistema Nervoso Periférico Autônomo Simpático. D) No Sistema Nervoso Periférico Voluntário Parassimpático, encontram-se os gânglios nervosos próximos à medula ou em seu interior. E) O neurônio associativo, encontrado no interior do órgão, responde pela conexão da resposta entre um nervo sensitivo e um nervo motor, onde está acontecendo o ato reflexo. 6

7 10. Sobre as palavras destacadas em negrito nas estrofes do cordel a seguir, analise as afirmativas referentes aos temas doenças sexualmente transmissíveis, gravidez, métodos de prevenção e uso de drogas. CORDEL DO AMOR À VIDA por Mary Cristianny Trechos do cordel VII Gonorreia, sífilis, cancro mole Que horror Doença de nome engraçado Que nos traz pavor E pra evitá-la te dou uma solução Use camisinha pra não contrair um problema VIII Mas pra evitar essas doenças E a gravidez fora de hora Só tem a camisinha, a pílula não Nem a tabelinha funciona... XI Drogas não é a solução É esconder-se da vida Dificultando a situação A maconha, a cocaína faz o cérebro atrofiar E a pessoa esquece Até de se cuidar I. As doenças sexualmente transmissíveis, relacionadas na estrofe VII, são causadas por vírus, enquanto a AIDS, o condiloma acuminado e a hepatite C são causadas por bactérias. II. Para haver gravidez, é necessário que ocorram cópula e fecundação. Assim, o zigoto irá se deslocando pela tuba uterina, sofrendo clivagens, e o embrião poderá se implantar no útero. III. Os métodos de contracepção destacados na estrofe VIII são classificados como não hormonais, temporários e de barreira. IV. As drogas citadas na estrofe XI são ditas ilegais, mas o álcool, droga legalizada, pode causar diversos danos sociais, além de prejuízo à saúde física e psíquica da pessoa. A) I, II e III. B) I e III. C) II, III e IV. D) II e IV. E) III e IV. 7

8 QUÍMICA 11. Durante uma aula de química, a professora cortou um pedaço de fita de magnésio e, com o auxílio de uma lixa, retirou um sólido branco que recobria a sua superfície. Essa substância havia sido formada em decorrência da lenta reação entre o metal e o oxigênio. Após esse procedimento, ela transferiu o pedaço da fita para dentro de um béquer e queimou a sua extremidade superior. Imediatamente, observou-se a emissão de uma luz branca muito intensa e brilhante. Verificou-se, também, o aquecimento do béquer e a formação de uma substância sólida e de cor branca, presente na cinza residual. Abaixo, são feitas algumas considerações em relação a essa atividade experimental. I. O composto formado após a combustão do magnésio é um sal. II. O procedimento realizado na sala envolve uma reação exotérmica. III. O processo permite observar a influência da temperatura na velocidade de uma reação. Está(ão) em conformidade com os procedimentos utilizados e os resultados obtidos nessa atividade experimental apenas o(s) item(ns) A) I. B) II. C) III. D) I e III. E) II e III. 12. A figura a seguir traz um esquema simplificado para a captura, o tratamento e a distribuição de água em uma Estação de Tratamento de Água (ETA). Imagem adaptada de Acesso em: 25/06/2011. Analise a sequência anterior e substitua os numerais pela palavra equivalente no texto seguinte: A sequência que traz uma substância usada na etapa 2, os tipos de processos de separação constantes das etapas 3, 4 e 5 e uma substância usada na etapa 6 desse tipo de ETA para a obtenção de uma água adequada para o consumo humano corresponde, de forma CORRETA, à opção A) 2 - sulfato de chumbo; 3 - aeração; 4 - decantação; 5 filtração; 6 flúor. B) 2 - sulfato de chumbo; 3 - floculação; 4 - decantação; 5 filtração; 6 cloro. C) 2 - sulfato de alumínio; 3 - floculação; 4 - decantação; 5 filtração; 6 cloro. D) 2 - sulfato de chumbo; 3 - aeração; 4 - filtração; 5 decantação; 6 ácido sulfúrico. E) 2 - sulfato de alumínio; 3 - aeração; 4 - decantação; 5 filtração; 6 ácido sulfúrico. 8

9 13. Analise as informações contidas no seguinte gráfico: SISTEMA SERIADO DE AVALIAÇÃO - 2ª FASE / 2º DIA Energia de ativação ΔE a E a (direta) Reação 1 E a (direta) Reação 2 E a (inversa) Reação 2 E a (inversa) Reação 1 Reagentes Produtos Caminho da reação Assinale a alternativa que expressa o processo evidenciado nesse gráfico. A) Modificações nos rendimentos de uma reação. B) Variações endotérmicas de um mesmo tipo de reação. C) Influência da presença de um catalisador no andamento de uma reação. D) Efeitos das concentrações dos reagentes sobre a velocidade de uma reação. E) Dependência da concentração de reagentes sobre o rendimento de uma reação. 14. O gráfico mostrado abaixo traz alguns aspectos da química de espécies nitrogenadas de interesse natural, inclusive o da glicina, o mais simples aminoácido. A energia livre de formação da espécie química, G f o, é dada à pressão de 1 atmosfera (atm) e temperatura T = 298,15 K. ΔGf 0 /kj.mol -1 Adaptado de: CHAGAS, Aécio Pereira. A síntese da amônia: alguns aspectos históricos. Química Nova, 30, 1, , A seguir, são feitas algumas considerações sobre os parâmetros informados nesse gráfico: I. Os ânions nitrato e nitrito são mais estáveis que um dos seus elementos formadores. II. O N 2 (g) apresenta facilidade em reagir e formar novas substâncias dentro das CNTP. III. O íon amônio possui baixa estabilidade termodinâmica, quando comparado com o N 2 O 3 (g). IV. A formação da amônia, a partir dos elementos, é uma reação termodinamicamente favorecida. V. Os óxidos de nitrogênio são termodinamicamente mais estáveis que seus elementos formadores, N 2 (g) e O 2 (g). A) I e IV. B) II e III. C) III e IV. D) I, IV e V. E) I, II, III e V. 9

10 15. Em laboratório, é possível se determinar a concentração do ácido sulfúrico por meio de uma titulação, utilizando-se a fenolftaleína como indicador do término da reação representada pela seguinte equação: H 2 SO 4 (aq) + 2NaOH(aq) Na 2 SO 4 (aq) + 2H 2 O(l) Dado: massa molar, H 2 SO 4 = 98 g/mol. Considerando que uma alíquota de 20mL de uma solução de ácido sulfúrico foi titulada com 10mL de uma solução de hidróxido de sódio a 1,0 mol/l, a concentração em gramas por litro, g/l, do ácido é A) 24,5. B) 32,5. C) 49,0. D) 55,0. E) 98, HCl a 5%, v/v, é uma das soluções utilizadas no processo de remoção de ferrugem, tinta e incrustações de uma superfície metálica. Para que uma solução de HCl tenha essa característica, ela deve ter A) 5 g do ácido em 100 ml da solução. B) 5 μg do ácido em 100 ml do solvente. C) 5 mg do ácido em 100 ml do solvente. D) 5 ml do ácido em 100 ml da solução. E) 5 ml do ácido em 100 ml do solvente. 17. A tabela a seguir mostra os dados referentes à realização de experimentos na determinação das temperaturas de ebulição de três sistemas químicos à pressão atmosférica (1atm). Experimento Sistema Temperatura de ebulição ( o C) ml de água destilada ml de água destilada + 25 g de açúcar (sacarose) ml de água destilada +25 g de sal de cozinha (NaCl) 110 A partir dos dados apresentados na tabela anterior, analise as seguintes considerações: I. O tempo de evaporação da água destilada se modifica quando se varia a quantidade de água destilada. II. A entropia da solução formada (experimentos 2 e 3) é maior que a do solvente puro (experimento 1). III. Dobrando-se a quantidade de água destilada, a temperatura de ebulição também duplica. IV. As temperaturas de ebulição das soluções nos experimentos 1 e 2 explicam o fato de que, quando se adiciona açúcar à água fervente no preparo do café, há uma interrupção na ebulição. V. A presença do açúcar (sacarose) e do sal (NaCl) nos experimentos 2 e 3, respectivamente, diminui a pressão de vapor da água, havendo, por isso, um aumento na temperatura de ebulição. Apenas estão CORRETAS A) I e IV. B) II e III. C) III e V. D) I, II e III. E) I, II, IV e V. 10

11 18. As figuras abaixo mostram as etapas de uma atividade experimental. Inicialmente, colocou-se um balão de festa cheio de ar e vedado dentro de uma caixa de isopor. Em seguida, derramou-se N 2 líquido a uma temperatura 77K sobre esse balão (Figura 1). Após certo tempo, retirou-se o balão do interior da caixa de isopor e observou-se que ele havia murchado (Figura 2). Figura 1. Balão de festa cheio de ar na presença de N 2 líquido a 77K. Figura 2. Balão de festa após o contato com líquido a 77K. Fonte: (Acesso em 05/07/2011) Com relação a essa atividade experimental, é CORRETO afirmar que houve A) redução do tamanho das moléculas de ar no interior do balão. B) acréscimo nas colisões entre as moléculas do ar, provocando uma expansão do tamanho dessas moléculas. C) elevação da pressão exercida pelo ar no interior do balão, por causa do aumento das colisões entre as moléculas. D) diminuição da energia cinética média das moléculas de ar, reduzindo os espaços entre as moléculas e, consequentemente, o volume ocupado no balão. E) redução da temperatura por causa da presença de N 2 líquido, impedindo o balão de ficar novamente cheio à temperatura ambiente. 19. A charge a seguir traz uma sátira a um processo de adulteração industrial do leite. Disponível em: Acesso em 17/06/2011. O leite é considerado uma emulsão de glóbulos de gordura e uma suspensão de micelas, contendo a proteína caseína em fase aquosa e outras espécies químicas solubilizadas. Os glóbulos de gordura do leite de vaca variam de tamanho entre 10 a 300 nm e têm uma densidade de 1,11 g/ml. Esse tipo de leite tem seu ph normal entre 6,6 e 6,9 a 25 o C, densidade entre 1,023 g/ml e 1,040 g/ml e ponto de congelamento (crioscópico) de -0,531 o C. Adaptado de GONZÁLEZ, Félix. H.D. Uso do leite para monitorar a nutrição e o metabolismo de vacas leiteiras. UFRS O processo de adulteração do leite, enfocado no contexto da charge, se relaciona mais fortemente à A) alteração da constituição desse coloide por causa do acréscimo de ácido sulfúrico. B) correção da acidez do sistema coloidal por causa da adição de uma base. C) diminuição da densidade dessa solução coloidal por causa da sua diluição com solução ácida. D) produção de uma emulsão de maior valor nutricional por causa da diluição com soda cáustica. E) redução do ponto de congelamento dessa suspensão coloidal por causa da mistura com refrigerante. 11

12 20. Algumas informações referentes ao rótulo de uma água mineral frequentemente comercializada em Pernambuco são apresentadas no quadro abaixo: Composição química (mg/l) Características físico-químicas Ânions Cloreto, 6,61 ph a 25 o C = 4,4 Nitrato, 2,40 Temperatura da água na fonte, 27 o C - Resíduo da evaporação a 180 o C, 19 mg/l Cátions Sódio, 5,00 Cálcio, 0,80 Potássio, 0,60 Com base nos dados apresentados no quadro, analise as afirmações a seguir: I. A água mineral apresenta-se básica a 25 o C. II. A composição química é a mesma das demais águas minerais. III. Num garrafão de 20 litros a 180 o C, há 380 mg de resíduo da evaporação. IV. As espécies químicas presentes na água mineral se apresentam sob a forma de íons. V. As concentrações dos cátions e ânions dessa água mineral poderiam ser expressas em outro sistema de unidades. São CORRETAS A) I e II. B) I e V. C) II e V. D) II, III e IV. E) III, IV e V. HISTÓRIA 21. No processo da evolução histórica do mercantilismo, da industrialização, do capitalismo e das experiências socialistas do Estado-produtor e de seus pensamentos, os recursos da Terra até agora não foram cuidados com a consciência ecológica necessária à preservação e à sustentação do ecossistema. De acordo com o enunciado, analise as proposições a seguir: I. A degradação do sistema de vida está na lógica do crescimento econômico sem a necessária relação com a biosfera. II. O conhecimento sobre o processo de equilíbrio e desequilíbrio dos ecossistemas com suas leis e princípios vitais surgiu com o mercantilismo. III. Se a luta do homem contra o homem foi regulada pelo contrato social, a relação homem x natureza é regulada pelo poder do Estado. IV. Essa acentuada depreciação do capital natural planetário está induzindo ao aumento do capital financeiro que resultará em investimentos no processo de sustentação do ecossistema. V. A soberania do Estado nacional passou a ser a universalização do domínio do homem sobre todas as outras formas de vida. A) I, II e V. B) II, III e V. C) I e IV. D) I, IV e V. E) I e V. 12

13 22. O Pensamento iluminista foi uma das críticas mais intensas, que recaíram sobre o chamado Antigo Regime europeu. Com forte apoio da burguesia, o Iluminismo, por meio de seus principais pensadores, lançou as bases teóricas do mundo contemporâneo. Sobre essas contribuições, analise as afirmações abaixo: I. A Enciclopédia de Diderot e D Alambert foi editada em vários países da Europa, difundindo o liberalismo político; II. O conceito de Contrato Social apresentado por Rousseau possibilitou a materialização da noção de representação política; III. As críticas de Voltaire e de Diderot à Igreja Católica defendiam uma sociedade laica; IV. A condenação da propriedade privada por Rousseau foi adotada nos países capitalistas do século XX; V. A tripartição do poder, defendida por Montesquieu, foi adotada pelos países democráticos do Ocidente. A) I, III e V. B) II, IV e V. C) II, III e V. D) III, IV e V. E) II, III e IV. 23. Sobre a política mercantilista desenvolvida no período colonial pelas monarquias nacionais europeias, assinale a alternativa CORRETA. A) A colonização das monarquias europeias concentrava-se, apenas, nas trocas e no lucro comercial, estimulando o livre comércio entre suas colônias. B) O colbertismo francês baseava-se no incentivo à navegação marítima, na produção agrícola de subsistência e no incentivo às importações de produtos manufaturados. C) O bulionismo definiu-se como um sistema tributário, adotado na Inglaterra, por meio de reformas monetárias. D) Para evitar a saída e favorecer a entrada de metais preciosos, o país deveria exportar mais e importar o menos possível. Esse princípio diz respeito à prática mercantilista na defesa de uma balança comercial favorável. E) As Nações colonialistas europeias, por intermédio do Sistema Colonial, visavam à não intervenção do Estado na economia e ao incentivo às atividades naturais. 24. O movimento cultural do Romantismo marcou a Europa do final do século XVIII e dos primórdios do século XIX. Presente nas artes plásticas, na literatura, na filosofia e na música, o Romantismo influenciou, também, a produção cultural fora da Europa. Sobre a arte romântica, assinale a alternativa CORRETA. A) A literatura de Goethe influenciou vários artistas e leitores com obras como Os Sofrimentos do Jovem Werther de B) O Romantismo não se fez presente no Brasil, em razão do alcance da arte neoclássica. C) As obras de Chopin e de Tchaikovsky lançaram as bases da música clássica modernista. D) A pintura romântica não se desenvolveu, tendo em vista ter sido o Romantismo um movimento essencialmente literário. E) Victor Hugo foi o grande representante do Romantismo em Portugal. 25. A vida, nos centros urbanos europeus do século XIX, foi bastante afetada pelo desenvolvimento industrial e suas consequências. Junto com o aumento populacional, vários problemas foram se acumulando. Grandes cidades, como Londres e Paris, começaram a sofrer com essas mudanças. Sobre esse fato, assinale a alternativa CORRETA. A) Nem todos os moradores eram absorvidos pelo mercado de trabalho, gerando uma mão de obra excedente e miséria. B) Os governos desenvolveram políticas públicas que amenizaram a vida dos miseráveis urbanos. C) O trabalho nas fábricas possibilitava a melhoria na qualidade de vida dos operários, tendo em vista a boa remuneração e os benefícios trabalhistas. D) Apesar da situação de penúria dos moradores das grandes cidades, motins urbanos não ocorreram na Europa oitocentista. E) A participação política dos moradores pobres parisienses foi oficializada com a vitória da Comuna de Paris, em

14 26. Entre março e maio de 1817, o governo de D. João VI enfrentou, no Nordeste, uma insurreição, encabeçada em Pernambuco e com focos em Alagoas, Paraíba, Rio Grande do Norte e Ceará, batizada pelos participantes de revolução, que propôs e concretizou, pelo período de 74 dias, o término do estado de colônia e o fim do domínio real naquelas regiões. Em Pernambuco, o poder foi tomado do governador Caetano Pinto de Miranda Montenegro, e, no Recife, foi organizado um governo provisório, baseado no modelo republicano do diretório da Revolução Francesa. (CABRAL, Flávio José Gomes. A Revolução Pernambucana de In: Revista Nossa História. nº. 26 / ano 3, dez p. 46. Adaptado.) O texto acima mostra um pouco do painel político do Brasil durante o seu processo de independência política de Portugal, ressaltando a Revolução Pernambucana de Sobre o contexto da crise do Antigo Regime no Brasil, analise as afirmativas a seguir: I. No Nordeste, Pernambuco não foi o único foco de revoltas e motins; na Bahia, por exemplo, ocorreu a Sabinada. II. A Inconfidência Mineira também contestou o domínio lusitano sobre o Brasil, apenas em fins do século XVIII. III. Elementos das camadas populares participaram da Conjuração Baiana em 1798, lutando pela emancipação política. IV. No Maranhão setecentista, a Revolta de Beckman acentuou as tensões entre Portugal e sua colônia na América. V. Assim como Pernambuco em 1817, Minas Gerais também passou um período independente de Portugal durante a Inconfidência de A) I, II e III. B) III, IV e V. C) II, III e IV. D) I, III e V. E) II, III e V. 27. No início do período regencial, organizaram-se correntes políticas, que apresentaram tendências divergentes entre as elites. No que se refere às tendências políticas desse período, é CORRETO afirmar que A) após os conflitos entre as correntes políticas divergentes, não havia preocupação com os interesses das massas populares. B) no plano político, assiste-se à alternância dos dois partidos: o democrata e o conservador. C) na primeira fase regencial ( ), é possível perceber um arranjo político entre as elites, por meio do partido democrata. D) D. Pedro II é apresentado como um soberano sábio, tolerante e conciliador que não fez uso do poder moderador. E) a inadequação do trabalho escravo, ante às crescentes necessidades de ampliação do mercado interno, deu origem a um novo partido, o liberal. 28. Sobre o conturbado processo de desestruturação do regime monárquico brasileiro, analise as afirmações a seguir: I. A participação do exército brasileiro na Guerra do Paraguai favoreceu a imagem pública dos militares, fortalecendo-os politicamente. II. A crise política, provocada pela abolição da escravatura sem indenização para os proprietários de escravos, acabou por provocar a retirada do apoio político da aristocracia escravocrata ao imperador. III. As reformas realizadas por D. Pedro II possibilitaram o fortalecimento da aristocracia cafeeira e o apoio político desse grupo ao império. IV. A questão da sucessão do trono brasileiro gerou críticas ao monarca e a seus descendentes. V. A crise com a Igreja Católica, em razão da maçonaria, não afetou a imagem pública do imperador, garantindo sua estabilidade política. A) I, II e III. B) III, IV e V. C) II, III e IV. D) I, II e IV. E) II, IV e V. 14

15 29. No dia 15 de abril de 1920, quatro homens fizeram um assalto e assassinaram um guarda e um pagador. Em 22 de agosto de 1927, três homens foram executados na cadeira elétrica em represália ao assassinato: Celestino Medeiros (motorista do assalto), Nicolas Sacco e Bartolomeu Vanzetti. Estes dois últimos negaram ter participado do crime, o que foi confirmado por Celestino Medeiros e por inúmeras provas irrefutáveis. No entanto, Sacco e Vanzetti foram imerecidamente condenados. O grande crime desses dois trabalhadores (respectivamente, sapateiro e peixeiro) era o de lutar contra as disparidades econômicas e sociais. Foram condenados como um aviso aos demais revolucionários. Sacco e Vanzetti foram executados. Porém a classe operária, seja nos EUA, no Brasil e em qualquer outro país, jamais esquecerá que eles não foram abatidos em represália a um crime de que eram acusados e que, de fato, não cometeram, mas, por serem representantes da revolução proletária. (CARVALHO, Fernando. A Tragédia de Sacco e Vanzetti. Fonte: Adaptado.) O caso Sacco e Vanzetti descrito no texto acima é considerado como um episódio da perseguição aos anarquistas no Novo Mundo. Influenciados por pensadores franceses e russos, muitos imigrantes italianos trouxeram para a América o ideário anarquista. Sobre esse aspecto da história do movimento operário, analise as afirmações seguintes: I. O anarquismo tenta conciliar a liberdade individual com a liberdade coletiva, negando o autoritarismo e a hierarquia em qualquer forma de apresentação. II. Dentre os principais teóricos anarquistas, podemos citar os nomes de Proundhon, Bakunin e Kropotkin. III. A execução de Sacco e Vanzetti foi um episódio que destoava do teor receptivo que as ideias anarquistas tiveram nos Estados Unidos. IV. No Brasil, a perseguição aos anarquistas culminou com a lei Adolpho Gordo, de 1907, que possibilitava a expulsão de estrangeiros ligados a movimentos sociais de tendência anarquista ou socialista. V. O anarquismo foi a base filosófica de governos de esquerda na América Latina dos anos iniciais do século XXI. A) I, II e III. B) III, IV e V. C) II, III e IV. D) I, III e V. E) I, II e IV. 30. A migração nasce nos primeiros estágios da cultura humana, mas, de fato, foi controlada pela configuração física da Terra, que, por sua vez, oferecia rotas por terra e mar, exercendo influência decisiva sobre os caminhos do ser humano, a diversidade e a distribuição da população no mundo. A humanidade cresceu e tornou-se mais sedentária, iniciando sua fixação no solo. Laços profundos são criados entre o povo e sua terra: indivisíveis, um não pode viver e ser entendido sem o outro. (BRIGAGÃO, C. e RODRIGUES, G. Globalização a olho nu: o mundo conectado. São Paulo: Moderna, Adaptado.) No que se refere às práticas de migrações, analise as afirmativas a seguir: I. Pressões demográficas, aumento da pobreza, desenvolvimento e escassez de recursos naturais refletem nova onda de migração. II. As crises periódicas que o capitalismo conheceu, desde a segunda metade do século XIX, inibiram o processo migratório. III. No Brasil, o fenômeno migratório redimensionou o espaço físico das grandes cidades; IV. À medida que a inovação tecnológica reestrutura a força de trabalho, aumentam-se as possibilidades de emprego e se reduz o estímulo à migração. V. A constituição de áreas capitalistas, altamente desenvolvidas, localizadas, em especial, na Europa Ocidental, Estados Unidos e Japão, significou polos de atração migratória. A) I, II e III. B) I, III e V. C) II, III e IV. D) III, IV e V. E) II, IV e V. 15

16 GEOGRAFIA 31. No mapa a seguir, delimita-se, aproximadamente, a área ocupada por um importante domínio morfoclimático, indicado por uma seta. Nesse domínio, há um tipo de relevo que se destaca e predomina. Assinale-o dentre as figuras esquemáticas a seguir: A) D) B) E) C) 16

17 32. Um dos fenômenos climáticos que merece especial atenção, quando se realiza um estudo geoambiental, é a evapotranspiração. Sobre esse assunto, em relação ao Brasil, é CORRETO afirmar que A) a evapotranspiração não causa déficit hídrico em áreas de savanas, como no Centro-Oeste. B) a evapotranspiração proporciona um superávit hídrico anual em áreas deprimidas do interior da Paraíba e de Pernambuco. C) a evapotranspiração anual excede a precipitação pluvial no ambiente de caatingas hiperxerófilas, dificultando as atividades agrícolas. D) o aquecimento global tem provocado um considerável decréscimo da evapotranspiração, sobretudo nas regiões costeiras do Litoral Sul do Brasil. E) a diminuição das florestas de araucárias vem contribuindo para um expressivo acréscimo da evapotranspiração em áreas de campos limpos, ocasionando desequilíbrio ambiental. 33. Leia, com atenção, o texto a seguir: Os desmatamentos da Amazônia para abertura de estradas, exploração agropecuária, grilagem de terras e mineração têm provocado o desaparecimento de grandes extensões de floresta. Como consequência dessa degradação das matas, há perda de parte da biodiversidade, principalmente em relação à fauna. (Adaptado da revista Scientific American, Brasil, Amazônia, vol. 2, S/D.) Sobre os assuntos referidos no texto, analise as afirmativas abaixo: I. A mineração na Amazônia tem ocorrido de forma predatória e espoliativa, além de provocar desterritorialização de populações tradicionais. II. A Amazônia brasileira é uma província geológica de grande potencial mineral, tanto pela variedade quanto pela densidade de recursos minerais. III. Os impactos ambientais do desmatamento na Amazônia brasileira incluem a redução do assoreamento dos grandes rios e da ciclagem de água na região. IV. Existe uma relação direta entre o desmatamento e as mudanças climáticas, com alterações, inclusive, no regime pluviométrico da Amazônia brasileira. V. Embora a Floresta Amazônica seja desmatada por inúmeros motivos, a pecuária ainda é a causa predominante. As fazendas de médio e grande porte são responsáveis pela maior parte do desmatamento na região. A) apenas I e II. D) apenas I, II, IV e V. B) apenas I e V. E) I, II, III, IV e V. C) apenas II, III e IV. 34. Observe o mapa a seguir e correlacione a coluna da direita com a da esquerda. 17

18 (1) Faixa 1 ( ) Clima semiárido com chuvas predominantemente de verão; vegetação de caatingas. (2) Faixa 2 ( ) Clima quente e úmido com chuvas de outono-inverno; vegetação de florestas latifoliadas. (3) Faixa 3 ( ) Clima local quente e úmido de área serrana; vegetação de florestas latifoliadas. (4) Faixa 4 ( ) Clima semiárido com chuvas de outono-inverno; vegetação de caatinga hipoxerófila. (5) Faixa 5 ( ) Clima semiárido com chuvas de verão retardadas para outono; vegetação de caatinga hiperxerófila. Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA. A) D) B) E) C) Existe, no mapa a seguir, uma área pontilhada. O que pode CORRETAMENTE ser dito sobre essa área? I. Trata-se de uma das maiores regiões alagáveis do mundo, de grande importância para as atividades turísticas, para os pesquisadores e, ainda, para a pecuária bovina. II. Possui um clima subtropical que favoreceu, consideravelmente, a instalação de complexas atividades agropecuárias, absorvedoras da maior parte da mão de obra local. III. Alguns dos principais problemas ambientais da região são: a caça indiscriminada, a ocupação das margens dos rios e o fluxo de turismo nem sempre organizado. IV. O ciclo das águas na região transforma consideravelmente a área, pois, no período de seca, brota a pastagem natural, e, com a chegada das chuvas, formam-se imensas lagoas, com sérias repercussões para as atividades do setor primário. V. Essa região natural restringe-se ao território brasileiro, mas é constantemente alvo de disputa entre populações de países vizinhos que buscam oportunidades de emprego. A) I e II. B) II, III e V. C) I, III e IV. D) II, IV e V. E) I, II, III e IV. 18

19 36. Os moradores das grandes cidades do mundo principalmente as que se expandem aceleradamente, em países emergentes enfrentam desafios, como a degradação dos centros, o ar poluído, as enchentes e a falta de lugar para dispor o lixo... Nos próximos 14 anos, 136 novas metrópoles entrarão na lista dos gigantes. Dessas novatas, 100 estarão na China, 13 na Índia e oito na América Latina. Nenhuma das novas é do Brasil. Mas as cidades de São Paulo e Rio de Janeiro, que hoje estão na lista das maiores, deverão permanecer nela, com populações maiores. Em 2025 terão, respectivamente, 21 milhões e 12 milhões de habitantes. Essas megacidades muitas vezes parecem inviáveis. As altas taxas de urbanização trazem pobreza, desemprego, transporte inadequado, proliferação de assentamentos precários e favelas. Fonte: Revista Época, junho de Adaptado. O texto lido acima revela condições sociais urbanas que se agravam aceleradamente, no mundo todo, principalmente no Brasil. Uma dessas condições é a expansão das cidades dos países denominados emergentes. Sobre estes, é CORRETO afirmar que A) possuem uma situação política instável e adotam, como modelo econômico, o centralismo estatal e o planejamento estratégico. B) apresentam níveis de produção e exportação em crescimento e acatam investimentos de empresas estrangeiras nos diversos setores da economia. C) revelam considerável aumento das desigualdades sociais, associado à diminuição do Produto Interno Bruto (PIB). D) investem, cada vez menos, nos mercados de capitais e em setores de infraestrutura, como rodovias, portos, hidrelétricas. E) reúnem poucas reservas de recursos minerais e possuem mão de obra em pequena quantidade e pouco qualificada. 37. O atual percentual da população urbana e rural em Pernambuco, representado no gráfico a seguir, demonstra uma considerável mudança na condição geográfica desse Estado. A análise do gráfico permite afirmar que essa mudança ocorreu com I. uma estrutura agrária concentradora, associada à expulsão da população rural, que migra para as cidades em função da ausência de oportunidades no campo. II. a modernização agrícola, que reduziu o tempo de emprego nesse setor e substituiu o trabalho permanente pelo trabalho temporário. III. formas de exploração e uso dos solos que demandam pequenas propriedades e absorvem grande mão de obra durante todo o ano produtivo. IV. uma produção agrícola tradicional, independentemente das condições naturais, características da Mesorregião do sertão pernambucano. V. a agricultura canavieira, na Mata pernambucana, que fixou o trabalhador rural no campo, desenvolvendo mecanismos de produtividade no período posterior à moagem e à colheita. Está CORRETO o que se afirma em A) I e II. B) II e V. C) I e IV. D) I, III e V. E) I, II e III. 19

20 38. Observe atentamente o diagrama a seguir: INDUSTRIALIZAÇÃO BRASILEIRA Acerca do processo apresentado no diagrama, é CORRETO afirmar que A) houve, como consequência, uma urbanização acelerada e desordenada, associada a uma estrutura social desigual em função da ausência de políticas sociais e econômicas, voltadas à justa distribuição de renda. B) o Estado brasileiro investiu menos em indústrias de mineração e siderurgia e mais em transportes e demais setores infraestruturais, considerando a política territorial voltada para a descentralização regional. C) a burguesia industrial, estimulada pelo desenvolvimento de complexos siderúrgicos nos países desenvolvidos, concentrou suas fontes de lucro no setor financeiro para diminuir os prejuízos ocorridos no setor terciário de base latifundiária. D) a reforma agrária acompanhou o processo de industrialização, porém permaneceu concentrada nas regiões Sul e Sudeste do Brasil, em razão de parte da aristocracia latifundiária investir em indústrias siderúrgicas. E) o modelo de industrialização no Brasil, após a Segunda Guerra Mundial, priorizou o setor de exportação para permitir a entrada de capitais estrangeiros por meio de diversas multinacionais ligadas ao setor automobilístico. 39. Leia o texto a seguir: A feminização do mercado de trabalho Desde o início da década de 1990, é possível verificar um aumento significativo na participação das mulheres no mercado de trabalho. Enquanto, em 1995, 54,3% das mulheres de 16 anos ou mais eram economicamente ativas estavam empregadas ou à procura de emprego -, esse valor alcançou 59,1% da população feminina em 2005, um importante acréscimo, ainda mais quando se pensa que a taxa de atividade masculina apresentou tendência de queda no mesmo período... A ainda persistente divisão sexual do trabalho leva mulheres a ter uma sobrecarga com as obrigações relativas ao trabalho doméstico, de cuidado com a casa e com os filhos. Os dados do IBGE apontam que, enquanto 92% das mulheres ocupadas se dedicam aos afazeres domésticos, uma parcela bastante inferior dos homens (51,6%) encontra-se na mesma situação, o que aponta para uma inegável dupla jornada para a população feminina. Fonte: IPEA, O texto aponta uma transformação sociodemográfica no Brasil, associada, dentre outros, aos seguintes fatores: I. Redução significativa da fecundidade II. Menor expectativa de vida das mulheres em relação aos homens III. Redução do tamanho das famílias IV. Baixa taxa de envelhecimento da população V. Aumento da escolaridade feminina Está CORRETO o que se afirma em A) I e II. B) II e V. C) II e IV. D) IV e V. E) I, III e V. 20

21 40. Leia a manchete transcrita a seguir: Governo e MST discutem pauta de reivindicações pela reforma agrária Jornal Folha Online, 12/08/2009. Qual dos textos a seguir corresponde especificamente à manchete exibida acima? A) O Brasil tem 846 milhões de hectares. A agricultura usa 61 milhões. Outros 196 milhões são pastagens, com 205 milhões de cabeças de gado, o segundo maior rebanho do mundo, atrás apenas da Índia. Temos centenas de milhões de hectares disponíveis para expandir a fronteira agrícola. B) A estrutura produtiva do setor agropecuário é muito heterogênea, contando, por um lado, com forte participação da agricultura familiar e, por outro, com a presença de grandes conglomerados nacionais e estrangeiros que se posicionam entre os maiores do mundo. C) Para a realização da reforma agrária, na prática, os assentamentos têm ocorrido em ritmo lento. A maioria dos proprietários contestava na justiça a desapropriação de suas terras, argumentando que estas não eram improdutivas ou que o preço da indenização não correspondia ao valor de mercado. D) Segundo o censo agropecuário, em 2006, somente 10% dos estabelecimentos agrícolas brasileiros utilizavam trator na preparação dos solos, cultivo ou colheita. As máquinas estavam fortemente concentradas no Centro-Sul, região com a agropecuária mais moderna do país. E) No Brasil, o potencial de crescimento econômico, decorrente do fortalecimento do agronegócio e da agricultura familiar, é muito grande. Além disso, relatórios de vários organismos internacionais apontam que deve haver uma forte demanda mundial por alimentos nos próximos anos e colocam o Brasil como importante fornecedor de grãos. 41. Leia a tirinha de Mafalda abaixo: SOCIOLOGIA Disponível em: <http://tflaidiomas.blogspot.com/2010/02/chico-bento.html> Acessado em: 21/07/2011. Nela, observa-se, a exaltação de Mafalda à Pátria, chamando a atenção para amá-la todos os dias. A reflexão de Mafalda faz referência a um conceito sociológico importante para compreender a participação dos membros de uma sociedade na vida pública: a cidadania. Acerca desse assunto, assinale a alternativa CORRETA. A) A cidadania é um conjunto de leis e de normas construídas pelo Estado para organizar a estrutura social, em que os indivíduos contribuem com a obediência a elas. B) Viver a cidadania diariamente é ser capaz de usufruir dos benefícios legais garantidos pelo Estado aos seus membros. C) A cidadania plena é a capacidade que o indivíduo possui de tomar decisões, sendo representado por um advogado diante das autoridades públicas. D) Os direitos civis, na cidadania, se referem à liberdade vivida coletivamente. E) No Brasil, a cidadania é conquistada pelos movimentos sociais, e a Constituição brasileira de 1988 funciona como um apaziguador de conflitos. 21

22 42. A Estrutura Social pode ser compreendida como um conjunto de instituições e grupos que compõem a sociedade. Essa estrutura funciona como um elemento integrador dos indivíduos, objetivando organizar as relações sociais. Com base nesse assunto, todas as alternativas abaixo apresentam uma característica importante para o funcionamento da estrutura social, EXCETO: A) Um sistema de produção, de circulação e de distribuição de bens e serviços. B) Um conjunto de processos ritualísticos o qual possui o objetivo de manter coeso o grupo e dar sentido aos fenômenos pessoais. C) Um sistema particular de cada sociedade de distribuição de poder e de escolha de uma autoridade política. D) Um sistema de educação que funciona como processo socializador das novas gerações. E) Um sistema de normas reguladoras específicas para cada subgrupo social, garantindo, com isso, a formação de funções sociais igualitárias. 43. Leia a poesia a seguir: Cidadania Cidadania, É fazer democracia... É ato de repúdio: À demagogia, À tirania, À oligarquia. É luta solidária, Pela inclusão da soberania... Cidadania, É dever solidário de um povo, De ter clareza de consciência, Em saber dar o poder de povo, A quem merece poder de povo. Cidadania, É cantarmos a mesma canção, É caminharmos no mesmo chão, É termos o mesmo sonho da nação, É construirmos a mesma obrigação, Para termos uma grande nação... Everaldo Cerqueira Disponível em: <http://www.pucrs.br/mj/ poema-patria-20.php>. Acessado em: 22/07/2011. Esse texto faz referência à convivência entre os membros de uma sociedade, numa ordem democrática organizada. Tomando por base o assunto do texto e da teoria sociológica, analise os itens a seguir: I. Os direitos sociais são importantes para a construção da cidadania; no Brasil, eles foram implantados antes dos direitos civis e políticos. II. A democracia representativa é uma forma de organizar a distribuição de poder na sociedade em cujo regime o povo escolhe o(s) seu(s) representante(s). III. A igualdade democrática deve considerar os direitos fundamentais do ser humano, sem deixar de lado a igualdade de oportunidades. IV. A cidadania deve ser construída nos momentos de escolha dos representantes políticos, e é nesse momento que surge a solidariedade. Apenas estão CORRETOS A) I e II. B) III e IV. C) I, II e III. D) II, III e IV. E) I, III e IV. 22

23 44. A Revolução Industrial marcou fortemente o surgimento do capitalismo como modo de produção dominante nas sociedades modernas. Todavia, para que vigorasse como predominante, foram instituídas algumas características. Com base nesse contexto, assinale a alternativa que indica um desses aspectos do capitalismo industrial. A) A propriedade privada dos meios de produção. B) Inexistência de classes. C) O objetivo da economia como bem coletivo. D) Controle dos preços mantidos estáveis pelo governo por vários anos. E) Planificação e centralização da economia. 45. Karl Marx ( ) analisou o trabalho na sociedade capitalista, procurando demonstrar a existência de conflitos entre trabalhadores e capitalistas (burgueses detentores dos meios de produção). Essa abordagem teórica demonstrou como ocorre a acumulação do capital nesse tipo de relação social. Mais-valia é uma expressão marxista, cujo conceito explica como se constituem as relações entre trabalhadores e patrões. Sobre o conceito de mais-valia, é CORRETO afirmar que é A) a distribuição igualitária dos lucros produzidos pela força de trabalho. B) o ganho real do trabalhador, baseado na acumulação de capital, por parte do capitalista. C) o valor-trabalho produzido pelos operários para ganhar o salário adequado a suas atividades. D) toda hora de trabalho a mais que o capitalista aliena do trabalhador para obter mais lucros. E) a substituição do trabalho manual pelo trabalho assalariado como divisão igualitária dos lucros obtidos pelo processo produtivo. 46. Na sociedade atual, observamos que o trabalho possui uma organização própria. O aumento da robotização e da automação do processo de produção do sistema capitalista vem gerando um fenômeno bastante comum nas grandes cidades. Assinale a alternativa que indica CORRETAMENTE esse fenômeno sociológico. A) Emprego formal. B) Desemprego estrutural. C) Salários justos. D) Contratos estatutários. E) Divisão igualitária dos bens produzidos. 23

Estrutura Populacional e Indicadores socioeconômicos

Estrutura Populacional e Indicadores socioeconômicos POPULAÇÃO BRASILEIRA Estrutura Populacional e Indicadores socioeconômicos Desde a colonização do Brasil o povoamento se concentrou no litoral do país. No início do século XXI, a população brasileira ainda

Leia mais

Centro Educacional Juscelino Kubitschek

Centro Educacional Juscelino Kubitschek Centro Educacional Juscelino Kubitschek ALUNO: N.º: DATA: / /2011 ENSINO FUNDAMENTAL SÉRIE: 6ª série/7 ano TURMA: TURNO: DISCIPLINA: GEOGRAFIA PROFESSOR: Equipe de Geografia Roteiro e lista de Recuperação

Leia mais

Resolução Resolução OBJETIVO 2004

Resolução Resolução OBJETIVO 2004 1 Nas bactérias, a cadeia respiratória encontra-se associada à membrana plasmática e os ácidos nucléicos estão associados ao citoplasma. a) É assim também em um protista, em um animal e em um vegetal?

Leia mais

Amazônia Brasileira e Brasil em Crise

Amazônia Brasileira e Brasil em Crise Amazônia Brasileira e Brasil em Crise 1. (UERJ-2009) Folha de São Paulo, 01/06/2008. Adaptado de Zero Hora, 16/06/2008. Diferentes critérios e objetivos podem orientar a divisão do espaço geográfico em

Leia mais

NOSSO PLANETA. O planeta Terra se caracteriza por uma história evolutiva complexa:

NOSSO PLANETA. O planeta Terra se caracteriza por uma história evolutiva complexa: NOSSO PLANETA O planeta Terra se caracteriza por uma história evolutiva complexa: Interações entre atmosfera, terra sólida, oceanos e a biosfera resultaram no desenvolvimento de uma grande e complexa variedade

Leia mais

DATA: 17/11/2015. 2. (ENEM) Discutindo sobre a intensificação do efeito estufa, Francisco Mendonça afirmava:

DATA: 17/11/2015. 2. (ENEM) Discutindo sobre a intensificação do efeito estufa, Francisco Mendonça afirmava: EXERCÍCIOS REVISÃO QUÍMICA AMBIENTAL (EFEITO ESTUFA, DESTRUIÇÃO DA CAMADA DE OZÔNIO E CHUVA ÁCIDA) e EQUILÍBRIO QUÍMICO DATA: 17/11/2015 PROF. ANA 1. Na década de 70, alguns cientistas descobriram quais

Leia mais

URBANIZAÇÃO LUGAR É A BASE

URBANIZAÇÃO LUGAR É A BASE URBANIZAÇÃO LUGAR É A BASE. DA REPRODUÇÃO DA VIDA E PODE SER ANALISADO PELA TRÍADE HABITANTE- IDENTIDADE-LUGAR. OBJETIVOS ESPECÍFICOS A. Caracterizar o fenômeno da urbanização como maior intervenção humana

Leia mais

Município D 8.902 545 6,12 Município E 231.977 3.544 1,53 Município F 93.655 1.280 1,37

Município D 8.902 545 6,12 Município E 231.977 3.544 1,53 Município F 93.655 1.280 1,37 01 - Os problemas ambientais estão na ordem do dia dos debates científicos, das agendas políticas, da mídia e das relações econômicas. Até muito recentemente, ao se falar de meio ambiente, as instituições

Leia mais

Respostas das questões sobre as regiões do Brasil

Respostas das questões sobre as regiões do Brasil Respostas das questões sobre as regiões do Brasil Região Norte 1. Qual a diferença entre região Norte, Amazônia Legal e Amazônia Internacional? A região Norte é um conjunto de 7 estados e estes estados

Leia mais

FORMAÇÃO DO TERRITORIO BRASILEIRO. Prof. Israel Frois

FORMAÇÃO DO TERRITORIO BRASILEIRO. Prof. Israel Frois FORMAÇÃO DO TERRITORIO BRASILEIRO Prof. Israel Frois SÉCULO XV Território desconhecido; Era habitado por ameríndios ; Natureza praticamente intocada Riqueza imediata: Pau-Brasil (Mata Atlântica) Seus limites

Leia mais

BRASIL REGIONALIZAÇÕES. Mapa II

BRASIL REGIONALIZAÇÕES. Mapa II BRASIL REGIONALIZAÇÕES QUESTÃO 01 - Baseado na regionalização brasileira, apresentados pelos dois mapas a seguir, é INCORRETO afirmar que: Mapa I Mapa II A B D C a. ( ) O mapa II apresenta a divisão do

Leia mais

O papel da mulher na construção de uma sociedade sustentável

O papel da mulher na construção de uma sociedade sustentável O papel da mulher na construção de uma sociedade sustentável Sustentabilidade Socioambiental Resistência à pobreza Desenvolvimento Saúde/Segurança alimentar Saneamento básico Educação Habitação Lazer Trabalho/

Leia mais

FORMAÇÃO DO TERRITÓRIO BRASILEIRO

FORMAÇÃO DO TERRITÓRIO BRASILEIRO FORMAÇÃO DO TERRITÓRIO BRASILEIRO É claro que o Brasil não brotou do chão como uma planta. O Solo que o Brasil hoje ocupa já existia, o que não existia era o seu território, a porção do espaço sob domínio,

Leia mais

TRATAMENTO DA ÁGUA. Professora: Raquel Malta Química 3ª série - Ensino Médio

TRATAMENTO DA ÁGUA. Professora: Raquel Malta Química 3ª série - Ensino Médio TRATAMENTO DA ÁGUA Professora: Raquel Malta Química 3ª série - Ensino Médio Água poluída: água inadequada para beber ou para fazer nossa higiene. Diversas substâncias naturalmente presentes na água são

Leia mais

7ºano 2º período vespertino 25 de abril de 2014

7ºano 2º período vespertino 25 de abril de 2014 GEOGRAFIA QUESTÃO 1 A Demografia é a ciência que estuda as características das populações humanas e exprime-se geralmente através de valores estatísticos. As características da população estudadas pela

Leia mais

Capítulo 21 Meio Ambiente Global. Geografia - 1ª Série. O Tratado de Kyoto

Capítulo 21 Meio Ambiente Global. Geografia - 1ª Série. O Tratado de Kyoto Capítulo 21 Meio Ambiente Global Geografia - 1ª Série O Tratado de Kyoto Acordo na Cidade de Kyoto - Japão (Dezembro 1997): Redução global de emissões de 6 Gases do Efeito Estufa em 5,2% no período de

Leia mais

1) Em novembro de 1807, a família real portuguesa deixou Lisboa e, em março de 1808, chegou ao Rio de Janeiro. O acontecimento pode ser visto como:

1) Em novembro de 1807, a família real portuguesa deixou Lisboa e, em março de 1808, chegou ao Rio de Janeiro. O acontecimento pode ser visto como: 1) Em novembro de 1807, a família real portuguesa deixou Lisboa e, em março de 1808, chegou ao Rio de Janeiro. O acontecimento pode ser visto como: a) incapacidade dos Braganças de resistirem à pressão

Leia mais

O Aquecimento Global se caracteriza pela modificação, intensificação do efeito estufa.

O Aquecimento Global se caracteriza pela modificação, intensificação do efeito estufa. O que é o Aquecimento Global? O Aquecimento Global se caracteriza pela modificação, intensificação do efeito estufa. O efeito estufa é um fenômeno natural e consiste na retenção de calor irradiado pela

Leia mais

QUESTÕES DE CARACTERIZAÇÃO E ANÁLISE AMBIENTAL. O 2(g) O 2(aq)

QUESTÕES DE CARACTERIZAÇÃO E ANÁLISE AMBIENTAL. O 2(g) O 2(aq) QUESTÕES DE CARACTERIZAÇÃO E ANÁLISE AMBIENTAL Questão 01 O agente oxidante mais importante em águas naturais é, sem a menor dúvida, o oxigênio molecular dissolvido, O 2. O equilíbrio entre o oxigênio

Leia mais

Aula 19 Conteúdo O homem e o meio ambiente. Principais problemas ambientais do mundo.

Aula 19 Conteúdo O homem e o meio ambiente. Principais problemas ambientais do mundo. CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA Unidade IV Natureza sociedade: questões ambientais. Aula 19 Conteúdo O homem e o meio ambiente. Principais problemas ambientais do mundo. 2 CONTEÚDO

Leia mais

GEOGRAFIA - 3 o ANO MÓDULO 12 O BRASIL NEOLIBERAL E OS DESAFIOS PARA O SÉCULO XXI

GEOGRAFIA - 3 o ANO MÓDULO 12 O BRASIL NEOLIBERAL E OS DESAFIOS PARA O SÉCULO XXI GEOGRAFIA - 3 o ANO MÓDULO 12 O BRASIL NEOLIBERAL E OS DESAFIOS PARA O SÉCULO XXI Como pode cair no enem A desconcentração industrial verificada no Brasil, na última década, decorre, entre outros fatores,

Leia mais

No entanto, a efetividade desses dispositivos constitucionais está longe de alcançar sua plenitude.

No entanto, a efetividade desses dispositivos constitucionais está longe de alcançar sua plenitude. A MULHER NA ATIVIDADE AGRÍCOLA A Constituição Federal brasileira estabelece no caput do art. 5º, I, que homens e mulheres são iguais em direitos e obrigações e reconhece no dispositivo 7º a igualdade de

Leia mais

CURSO e COLÉGIO ESPECÍFICO Ltda

CURSO e COLÉGIO ESPECÍFICO Ltda CURSO e COLÉGIO ESPECÍFICO Ltda www.especifico.com.br DISCIPLINA : Sociologia PROF: Waldenir do Prado DATA:06/02/2012 O que é Sociologia? Estudo objetivo das relações que surgem e se reproduzem, especificamente,

Leia mais

BRASIL EXCLUDENTE E CONCENTRADOR. Colégio Anglo de Sete Lagoas Prof.: Ronaldo Tel.: (31) 2106 1750

BRASIL EXCLUDENTE E CONCENTRADOR. Colégio Anglo de Sete Lagoas Prof.: Ronaldo Tel.: (31) 2106 1750 BRASIL EXCLUDENTE E CONCENTRADOR As crises econômicas que se sucederam no Brasil interromperam a política desenvolvimentista. Ocorre que o modelo de desenvolvimento aqui implantado (modernização conservadora

Leia mais

1. INTRODUÇÃO CONCEITUAL SOBRE O DESENVOLVIMENTO E O CRESCIMENTO ECONÔMICO

1. INTRODUÇÃO CONCEITUAL SOBRE O DESENVOLVIMENTO E O CRESCIMENTO ECONÔMICO 1. INTRODUÇÃO CONCEITUAL SOBRE O DESENVOLVIMENTO E O CRESCIMENTO ECONÔMICO A análise da evolução temporal (ou dinâmica) da economia constitui o objeto de atenção fundamental do desenvolvimento econômico,

Leia mais

PLANO DE ESTUDOS 3º trimestre 2012

PLANO DE ESTUDOS 3º trimestre 2012 PLANO DE ESTUDOS 3º trimestre 2012 ano: 9º disciplina: geografia professor: Meus caros (as) alunos (as): Durante o 2º trimestre, você estudou as principais características das cidades globais e das megacidades

Leia mais

INDICADORES DEMOGRÁFICOS E NORDESTE

INDICADORES DEMOGRÁFICOS E NORDESTE INDICADORES DEMOGRÁFICOS E SOCIAIS E ECONÔMICOS DO NORDESTE Verônica Maria Miranda Brasileiro Consultora Legislativa da Área XI Meio Ambiente e Direito Ambiental, Organização Territorial, Desenvolvimento

Leia mais

Analfabetismo no Brasil

Analfabetismo no Brasil Analfabetismo no Brasil Ricardo Paes de Barros (IPEA) Mirela de Carvalho (IETS) Samuel Franco (IETS) Parte 1: Magnitude e evolução do analfabetismo no Brasil Magnitude Segundo estimativas obtidas com base

Leia mais

O Mundo industrializado no século XIX

O Mundo industrializado no século XIX O Mundo industrializado no século XIX Novas fontes de energia; novos inventos técnicos: Por volta de 1870, deram-se, em alguns países, mudanças importantes na indústria. Na 2ª Revolução Industrial as indústrias

Leia mais

1 (0,5) Dos 3% de água doce que estão na superfície terrestre, onde estão concentradas as grandes parcelas dessas águas? R:

1 (0,5) Dos 3% de água doce que estão na superfície terrestre, onde estão concentradas as grandes parcelas dessas águas? R: Data: / /2014 Bimestre: 3 Nome: 6 ANO Nº Disciplina: Geografia Professor: Geraldo Valor da Atividade: 2,0 (Dois) Nota: GRUPO 6 1 (0,5) Dos 3% de água doce que estão na superfície terrestre, onde estão

Leia mais

O MATOPIBA e o desenvolvimento "destrutivista" do Cerrado

O MATOPIBA e o desenvolvimento destrutivista do Cerrado O MATOPIBA e o desenvolvimento "destrutivista" do Cerrado Paulo Rogerio Gonçalves* No dia seis de maio de 2015 o decreto n. 8447 cria o Plano de Desenvolvimento Agropecuário do Matopiba e seu comitê gestor.

Leia mais

DURAÇÃO DA PROVA: 03 HORAS

DURAÇÃO DA PROVA: 03 HORAS INSTRUÇÕES: PRCESS SELETIV 2013/2 - CPS PRVA DISCURSIVA DE QUÍMICA CURS DE GRADUAÇÃ EM MEDICINA 1. Só abra a prova quando autorizado. 2. Veja se este caderno contém 5 (cinco) questões discursivas. Caso

Leia mais

TERCEIRÃO GEOGRAFIA FRNTE 8 A - aula 25. Profº André Tomasini

TERCEIRÃO GEOGRAFIA FRNTE 8 A - aula 25. Profº André Tomasini TERCEIRÃO GEOGRAFIA FRNTE 8 A - aula 25 Profº André Tomasini Localizado na Região Centro-Oeste. Campos inundados na estação das chuvas (verão) áreas de florestas equatorial e tropical. Nas áreas mais

Leia mais

Quase 10% dos brasileiros têm mais de 70 anos. Segundo o IBGE, em 40 anos o número de idosos deverá superar o de jovens

Quase 10% dos brasileiros têm mais de 70 anos. Segundo o IBGE, em 40 anos o número de idosos deverá superar o de jovens Um país de idosos Quase 10% dos brasileiros têm mais de 70 anos. Segundo o IBGE, em 40 anos o número de idosos deverá superar o de jovens A expectativa de vida do brasileiro aumentou mais de 20 anos em

Leia mais

CADERNO DE EXERCÍCIOS 1G

CADERNO DE EXERCÍCIOS 1G CADERNO DE EXERCÍCIOS 1G Ensino Fundamental Ciências Humanas Questão Conteúdo Habilidade da Matriz da EJA/FB 1 Relevo H5 2 Agricultura Familiar H12 3 Revoltas Separatistas no Brasil Colonial H42 4 Período

Leia mais

É CORRETO afirmar que essa modalidade de desemprego é conseqüência. A) da adoção de novas tecnologias de produção e gerenciamento industrial.

É CORRETO afirmar que essa modalidade de desemprego é conseqüência. A) da adoção de novas tecnologias de produção e gerenciamento industrial. PROVA DE GEOGRAFIA QUESTÃO 09 Parcela considerável do desemprego que se verifica, atualmente, no mundo, está associada a mudanças estruturais na economia é o denominado desemprego estrutural. É CORRETO

Leia mais

COMÉRCIO EXTERIOR. Causas da dívida Empréstimos internacionais para projetar e manter grandes obras. Aquisição de tecnologia e maquinário moderno.

COMÉRCIO EXTERIOR. Causas da dívida Empréstimos internacionais para projetar e manter grandes obras. Aquisição de tecnologia e maquinário moderno. 1. ASPECTOS GERAIS Comércio é um conceito que possui como significado prático, trocas, venda e compra de determinado produto. No início do desenvolvimento econômico, o comércio era efetuado através da

Leia mais

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DECEx DEPA COLÉGIO MILITAR DE BRASÍLIA PLANO DE AULA BIOLOGIA 1º ANO/EM

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DECEx DEPA COLÉGIO MILITAR DE BRASÍLIA PLANO DE AULA BIOLOGIA 1º ANO/EM MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DECEx DEPA COLÉGIO MILITAR DE BRASÍLIA Prof. Salomão profsalomao@gmail.com PLANO DE AULA BIOLOGIA 1º ANO/EM Sem Mês Início Término CH 1ª FEV 7 11 3 ASSUNTO: ASPECTOS

Leia mais

CICLOS BIOGEOQUÍMICOS

CICLOS BIOGEOQUÍMICOS CICLOS BIOGEOQUÍMICOS O fluxo de energia em um ecossistema é unidirecional e necessita de uma constante renovação de energia, que é garantida pelo Sol. Com a matéria inorgânica que participa dos ecossistemas

Leia mais

Lista de Exercícios 4 Indústrias Químicas Resolução pelo Monitor: Rodrigo Papai de Souza

Lista de Exercícios 4 Indústrias Químicas Resolução pelo Monitor: Rodrigo Papai de Souza Lista de Exercícios 4 Indústrias Químicas Resolução pelo Monitor: Rodrigo Papai de Souza 1) a-) Calcular a solubilidade do BaSO 4 em uma solução 0,01 M de Na 2 SO 4 Dissolução do Na 2 SO 4 : Dado: BaSO

Leia mais

O Melhoramento de Plantas e o Aquecimento Global. Arnaldo José Raizer P&D - Variedades

O Melhoramento de Plantas e o Aquecimento Global. Arnaldo José Raizer P&D - Variedades O Melhoramento de Plantas e o Aquecimento Global 1 Arnaldo José Raizer P&D - Variedades Roteiro Aquecimento Global Centro de Tecnologia Canavieira (CTC) O setor sucro-energético Melhoramento Genético e

Leia mais

BIOVESTIBA.NET BIOLOGIA VIRTUAL Profº Fernando Teixeira UFRGS. ECOLOGIA Conceitos e Sucessão Ecológica

BIOVESTIBA.NET BIOLOGIA VIRTUAL Profº Fernando Teixeira UFRGS. ECOLOGIA Conceitos e Sucessão Ecológica UFRGS ECOLOGIA Conceitos e Sucessão Ecológica 1. (Ufrgs 2014) Considere as seguintes afirmações sobre conceitos utilizados em ecologia. I. Nicho ecológico é a posição biológica ou funcional que um ecossistema

Leia mais

O PAPEL DA AGRICULTURA. Affonso Celso Pastore

O PAPEL DA AGRICULTURA. Affonso Celso Pastore O PAPEL DA AGRICULTURA Affonso Celso Pastore 1 1 Uma fotografia do setor agrícola tirada em torno de 195/196 Entre 195 e 196 o Brasil era um exportador de produtos agrícolas com concentração em algumas

Leia mais

QUÍMICA QUESTÃO 41 QUESTÃO 42

QUÍMICA QUESTÃO 41 QUESTÃO 42 Processo Seletivo/UNIFAL- janeiro 2008-1ª Prova Comum TIPO 1 QUÍMICA QUESTÃO 41 Diferentes modelos foram propostos ao longo da história para explicar o mundo invisível da matéria. A respeito desses modelos

Leia mais

Centro-Sul Brasileiro

Centro-Sul Brasileiro Centro-Sul Brasileiro 1. (UFSC - 2010) Gráfico elaborado a partir de dados do IBGE, Anuário Estatístico do Brasil, jan. 2001. (Adaptado) Com base no gráfico acima, Brasil: Valor da produção industrial,

Leia mais

Questão 1. Resposta A. Resposta B

Questão 1. Resposta A. Resposta B Questão 1 Ao longo do século XX, as cidades norte-americanas se organizaram espacialmente de um modo original: a partir do Central Business District (CBD), elas se estruturaram em circunferências concêntricas

Leia mais

CADERNO DE ATIVIDADES

CADERNO DE ATIVIDADES COLÉGIO ARNALDO 2014 CADERNO DE ATIVIDADES GEOGRAFIA ATENÇÃO: Este trabalho deverá ser realizado em casa, trazendo as dúvidas para serem sanadas durante as aulas de plantão. Aluno (a): 5º ano Turma: Professora:

Leia mais

UFSC. Resposta: 01 + 02 = 03. Comentário

UFSC. Resposta: 01 + 02 = 03. Comentário Resposta: 01 + 02 = 03 01. Correta. 04. Incorreta. O número de trabalhadores no setor primário, principalmente na agropecuária, continuou diminuindo devido à automação. O aumento ocorreu no setor de serviço.

Leia mais

Bloco de Recuperação Paralela DISCIPLINA: Ciências

Bloco de Recuperação Paralela DISCIPLINA: Ciências COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Bloco de Recuperação Paralela DISCIPLINA: Ciências Nome: Ano: 5º Ano 1º Etapa 2014 Colégio Nossa Senhora da Piedade Área do Conhecimento: Ciências da Natureza Disciplina:

Leia mais

Planejamento Anual. Componente Curricular: GEOGRAFIA Ano: 2º Ano Letivo: 2015. Professor(s): Júlio

Planejamento Anual. Componente Curricular: GEOGRAFIA Ano: 2º Ano Letivo: 2015. Professor(s): Júlio Planejamento Anual Componente Curricular: GEOGRAFIA Ano: 2º Ano Letivo: 2015 Professor(s): Júlio APRESENTAÇÃO: Percebemos ser de fundamental importância que o aluno da 2 Ano do Ensino Fundamental possua

Leia mais

Gabarito oficial preliminar: História

Gabarito oficial preliminar: História 1) Questão 1 Segundo José Bonifácio, o fim do tráfico de escravos significaria uma ameaça à existência do governo porque Geraria uma crise econômica decorrente da diminuição da mão de obra disponível,

Leia mais

SÉCULO XIX NOVOS ARES NOVAS IDEIAS Aula: 43 e 44 Pág. 8 PROFª: CLEIDIVAINE 8º ANO

SÉCULO XIX NOVOS ARES NOVAS IDEIAS Aula: 43 e 44 Pág. 8 PROFª: CLEIDIVAINE 8º ANO SÉCULO XIX NOVOS ARES NOVAS IDEIAS Aula: 43 e 44 Pág. 8 PROFª: CLEIDIVAINE 8º ANO 1 - INTRODUÇÃO Séc. XIX consolidação da burguesia: ascensão do proletariado urbano (classe operária) avanço do liberalismo.

Leia mais

Cap. 26 De norte a sul, de leste a oeste: os biomas brasileiros. Sistema de Ensino CNEC Equipe de Biologia. Bioma

Cap. 26 De norte a sul, de leste a oeste: os biomas brasileiros. Sistema de Ensino CNEC Equipe de Biologia. Bioma Cap. 26 De norte a sul, de leste a oeste: os biomas brasileiros Sistema de Ensino CNEC Equipe de Biologia Bioma Conjunto de vida, vegetal e animal, constituído pelo agrupamento de tipos de vegetação, condições

Leia mais

COLÉGIO O BOM PASTOR PROF. RAFAEL CARLOS SOCIOLOGIA 3º ANO. Material Complementar Módulos 01 a 05: Os modos de produção.

COLÉGIO O BOM PASTOR PROF. RAFAEL CARLOS SOCIOLOGIA 3º ANO. Material Complementar Módulos 01 a 05: Os modos de produção. COLÉGIO O BOM PASTOR PROF. RAFAEL CARLOS SOCIOLOGIA 3º ANO Material Complementar Módulos 01 a 05: Os modos de produção. Modos de Produção O modo de produção é a maneira pela qual a sociedade produz seus

Leia mais

Espaço Geográfico (Tempo e Lugar)

Espaço Geográfico (Tempo e Lugar) Espaço Geográfico (Tempo e Lugar) Somos parte de uma sociedade, que (re)produz, consome e vive em uma determinada porção do planeta, que já passou por muitas transformações, trata-se de seu lugar, relacionando-se

Leia mais

O homem e o meio ambiente

O homem e o meio ambiente A U A UL LA O homem e o meio ambiente Nesta aula, que inicia nosso aprendizado sobre o meio ambiente, vamos prestar atenção às condições ambientais dos lugares que você conhece. Veremos que em alguns bairros

Leia mais

Colégio Policial Militar Feliciano Nunes Pires

Colégio Policial Militar Feliciano Nunes Pires Colégio Policial Militar Feliciano Nunes Pires Professor: Josiane Vill Disciplina: Geografia Série: 3ª Ano Tema da aula: Crescimento populacional: tendências e dilemas Objetivo da aula: contextualizar

Leia mais

Questão 89. Questão 91. Questão 90. alternativa A. alternativa E

Questão 89. Questão 91. Questão 90. alternativa A. alternativa E Questão 89 O esquema representa o sistema digestório humano e os números indicam alguns dos seus componentes. Nível de açúcar no sangue mg/100ml 200 150 100 50 B A 0 1 2 3 4 5 Número de horas após a alimentação

Leia mais

História da Habitação em Florianópolis

História da Habitação em Florianópolis História da Habitação em Florianópolis CARACTERIZAÇÃO DAS FAVELAS EM FLORIANÓPOLIS No início do século XX temos as favelas mais antigas, sendo que as primeiras se instalaram em torno da região central,

Leia mais

PROVA DE BIOLOGIA I. A charge refere-se a um problema que afeta cada vez mais pessoas em várias regiões do nosso planeta.

PROVA DE BIOLOGIA I. A charge refere-se a um problema que afeta cada vez mais pessoas em várias regiões do nosso planeta. 26 PROVA DE BIOLOGIA I QUESTÃO 40 A charge refere-se a um problema que afeta cada vez mais pessoas em várias regiões do nosso planeta. Vai um baldinho aí? Fonte: conexaoambiental.zip.net/arch2007-11-01_2007-.

Leia mais

Nosso Território: Ecossistemas

Nosso Território: Ecossistemas Nosso Território: Ecossistemas - O Brasil no Mundo - Divisão Territorial - Relevo e Clima - Fauna e Flora - Ecossistemas - Recursos Minerais Um ecossistema é um conjunto de regiões com características

Leia mais

QUÍMICA CELULAR NUTRIÇÃO TIPOS DE NUTRIENTES NUTRIENTES ENERGÉTICOS 4/3/2011 FUNDAMENTOS QUÍMICOS DA VIDA

QUÍMICA CELULAR NUTRIÇÃO TIPOS DE NUTRIENTES NUTRIENTES ENERGÉTICOS 4/3/2011 FUNDAMENTOS QUÍMICOS DA VIDA NUTRIÇÃO QUÍMICA CELULAR PROFESSOR CLERSON CLERSONC@HOTMAIL.COM CIESC MADRE CLÉLIA CONCEITO CONJUNTO DE PROCESSOS INGESTÃO, DIGESTÃO E ABSORÇÃO SUBSTÂNCIAS ÚTEIS AO ORGANISMO ESPÉCIE HUMANA: DIGESTÃO ONÍVORA

Leia mais

DOMÍNIO DOS MARES DE MORROS

DOMÍNIO DOS MARES DE MORROS DOMÍNIO DOS MARES DE MORROS Situação Geográfica Este domínio estende-se se do sul do Brasil até o Estado da Paraíba (no nordeste), obtendo uma área total de aproximadamente 1.000.000 km².. Situado mais

Leia mais

Exercícios sobre África: Características Físicas e Organizações Territoriais

Exercícios sobre África: Características Físicas e Organizações Territoriais Exercícios sobre África: Características Físicas e Organizações Territoriais 1. Observe o mapa a seguir. As partes destacadas no mapa indicam: a) Áreas de clima desértico. b) Áreas de conflito. c) Áreas

Leia mais

05 DE JUNHO DIA MUNDIAL DO MEIO AMBIENTE

05 DE JUNHO DIA MUNDIAL DO MEIO AMBIENTE D I R E T O R I A D E S A Ú D E 05 DE JUNHO DIA MUNDIAL DO MEIO AMBIENTE Em 05 de Junho, é comemorado o Dia Mundial do Meio Ambiente e nesse ano o foco está voltado para as Mudanças Climáticas com o tema

Leia mais

Urbanização Brasileira

Urbanização Brasileira Urbanização Brasileira O Brasil é um país com mais de 190 milhões de habitantes. A cada 100 pessoas que vivem no Brasil, 84 moram nas cidades e 16 no campo. A população urbana brasileira teve seu maior

Leia mais

Cidade e desigualdades socioespaciais.

Cidade e desigualdades socioespaciais. Centro de Educação Integrada 3º ANO GEOGRAFIA DO BRASIL A Produção do Espaço Geográfico no Brasil nas economias colonial e primário exportadora. Brasil: O Espaço Industrial e impactos ambientais. O espaço

Leia mais

FORMAÇÃO VEGETAL BRASILEIRA. DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS Aziz Ab`Saber. Ipê Amarelo

FORMAÇÃO VEGETAL BRASILEIRA. DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS Aziz Ab`Saber. Ipê Amarelo FORMAÇÃO VEGETAL BRASILEIRA DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS Aziz Ab`Saber Ipê Amarelo Fatores que influenciam na distribuição das formações vegetais: Clima 1. Temperatura; 2. Umidade; 3. Massas de ar; 4. Incidência

Leia mais

CP/CAEM/2005 1ª AVALIAÇÃO FORMATIVA - 2005 FICHA AUXILIAR DE CORREÇÃO

CP/CAEM/2005 1ª AVALIAÇÃO FORMATIVA - 2005 FICHA AUXILIAR DE CORREÇÃO CP/CAEM/05 1ª AVALIAÇÃO FORMATIVA - 05 FICHA AUXILIAR DE CORREÇÃO GEOGRAFIA DO BRASIL 1ª QUESTÃO (Valor 6,0) Analisar os fatores fisiográficos do espaço territorial do Brasil, concluindo sobre a influência

Leia mais

Praticando seus conhecimentos sobre desertificação

Praticando seus conhecimentos sobre desertificação Praticando seus conhecimentos sobre desertificação O fenômeno de desertificação pode ocorrer através de um processo natural ou pela ação humana. O manejo inadequado do solo para agricultura, atividades

Leia mais

01- O que é tempo atmosférico? R.: 02- O que é clima? R.:

01- O que é tempo atmosférico? R.: 02- O que é clima? R.: PROFESSOR: EQUIPE DE GEOGRAFIA BANCO DE QUESTÕES - GEOGRAFIA - 6º ANO - ENSINO FUNDAMENTAL ============================================================================================= TEMPO ATMOSFÉRICO

Leia mais

Exercícios Amazônia. Geografia Professor: Claudio Hansen. Material de apoio do Extensivo

Exercícios Amazônia. Geografia Professor: Claudio Hansen. Material de apoio do Extensivo Exercícios Amazônia 1. As florestas contribuem com a fixação de parte do carbono atmosférico do planeta, amenizando o processo do aquecimento global. As queimadas realizadas nessas formações vegetais,

Leia mais

Grupo Banco Mundial. Construindo um mundo sem pobreza

Grupo Banco Mundial. Construindo um mundo sem pobreza Grupo Banco Mundial Construindo um mundo sem pobreza Enfoque Regional! O Banco Mundial trabalha em seis grandes regiões do mundo: 2 Fatos Regionais: América Latina e Caribe (ALC)! População total: 500

Leia mais

CONTEXTO HISTORICO E GEOPOLITICO ATUAL. Ciências Humanas e suas tecnologias R O C H A

CONTEXTO HISTORICO E GEOPOLITICO ATUAL. Ciências Humanas e suas tecnologias R O C H A CONTEXTO HISTORICO E GEOPOLITICO ATUAL Ciências Humanas e suas tecnologias R O C H A O capitalismo teve origem na Europa, nos séculos XV e XVI, e se expandiu para outros lugares do mundo ( Ásia, África,

Leia mais

MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA

MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA Professor, nós, da Editora Moderna, temos como propósito uma educação de qualidade, que respeita as particularidades de todo o país. Desta maneira, o apoio ao

Leia mais

GEOGRAFIA Questões de 35 a 42

GEOGRAFIA Questões de 35 a 42 GEOGRAFIA Questões de 35 a 42 35. Observe os mapas abaixo. Acerca das escalas apresentadas, é incorreto afirmar: A) O mapa 1 apresenta a menor escala e o maior nível de detalhamento. B) Os mapas 1 e 2

Leia mais

b) Justifique sua resposta. Resolução a) A afirmação não é válida. b) Os vírus são parasitas obrigatórios de células procarióticas

b) Justifique sua resposta. Resolução a) A afirmação não é válida. b) Os vírus são parasitas obrigatórios de células procarióticas 1 BIOLOGIA Devido ao fato de serem muito simples em termos de organização, podemos afirmar que os vírus provavelmente tiveram sua origem antes do surgimento das primeiras células procarióticas. a) A afirmação

Leia mais

Ciências Humanas. História e Geografia Professor: Renato Pellizzari e Claudio Hansen 08/10/2014. Material de apoio para Aula ao Vivo

Ciências Humanas. História e Geografia Professor: Renato Pellizzari e Claudio Hansen 08/10/2014. Material de apoio para Aula ao Vivo Ciências Humanas Material de apoio para Aula ao Vivo 1. A charge expressa enfaticamente uma característica do processo histórico de urbanização da sociedade brasileira. A crítica contida na charge refere-se

Leia mais

PROVA DE QUÍMICA - 1998 Segunda Etapa

PROVA DE QUÍMICA - 1998 Segunda Etapa PROVA DE QUÍMICA - 1998 Segunda Etapa QUESTÃO 01 Num laboratório químico, havia três frascos que continham, respectivamente, um alcano, um álcool e um alqueno. Foram realizados experimentos que envolviam

Leia mais

EXERCÍCIOS ON LINE 6 ANO - 1 TRIMESTRE

EXERCÍCIOS ON LINE 6 ANO - 1 TRIMESTRE EXERCÍCIOS ON LINE 6 ANO - 1 TRIMESTRE 1- Leia o texto e responda as questões Todos os animais, independentemente do seu estilo de vida, servem como fonte de alimento para outros seres vivos. Eles estão

Leia mais

Biomas Brasileiros I. Floresta Amazônica Caatinga Cerrado. Mata Atlântica Pantanal Campos Sulinos ou Pampas Gaúchos

Biomas Brasileiros I. Floresta Amazônica Caatinga Cerrado. Mata Atlântica Pantanal Campos Sulinos ou Pampas Gaúchos Biomas Brasileiros I Floresta Amazônica Caatinga Cerrado Mata Atlântica Pantanal Campos Sulinos ou Pampas Gaúchos Floresta Amazônica Localizada na região norte e parte das regiões centro-oeste e nordeste;

Leia mais

CORREÇÃO TAREFAS. Aulas 1 4 Pág. 24-31

CORREÇÃO TAREFAS. Aulas 1 4 Pág. 24-31 CORREÇÃO TAREFAS Aulas 1 4 Pág. 24-31 Paginas 24 e 25 1. a) População absoluta é a população total de um determinado local. b) População relativa é a densidade demográfica, ou seja, média de habitantes

Leia mais

Professora Erlani. Apostila 4 Capítulo 1

Professora Erlani. Apostila 4 Capítulo 1 Apostila 4 Capítulo 1 Os EUA possuem vizinhos muito diferentes. Ao norte, o Canadá, a maior parte da população é de origem anglo saxônica. Ao sul, o México, país latino-americano, de colonização espanhola.

Leia mais

A industrialização no Brasil teve início a partir de. A vinda da Família Real propiciou a quebra do pacto colonial;

A industrialização no Brasil teve início a partir de. A vinda da Família Real propiciou a quebra do pacto colonial; PROCESSO DE INDUSTRIALIZAÇÃO BRASILEIRA 1 Histórico de nossa industrialização A industrialização no Brasil teve início a partir de meados do século XIX; A vinda da Família Real propiciou a quebra do pacto

Leia mais

Universidade Federal de Uberlândia PRGRA Pró-Reitoria de Graduação DIRPS Diretoria de Processos Seletivos

Universidade Federal de Uberlândia PRGRA Pró-Reitoria de Graduação DIRPS Diretoria de Processos Seletivos GEOGRAFIA Gabarito Final - Questão 1 A) Dentre os fatores que justificam a expansão da cana-de-açúcar no Brasil, destacam-se: Aumento da importância do álcool ou etanol na matriz energética brasileira;

Leia mais

DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO

DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ENSINO COORDENADORIA DE EDUCAÇÃO Provas 2º Bimestre 2012 CIÊNCIAS DESCRITORES DESCRITORES DO 2º BIMESTRE DE 2012

Leia mais

População é o conjunto de habitantes de um determinado lugar em um determinado tempo;

População é o conjunto de habitantes de um determinado lugar em um determinado tempo; INTRODUÇÃO À GEOGRAFIA DA POPULAÇÃO 1 Aspectos teóricos e metodológicos da geografia da população População é o conjunto de habitantes de um determinado lugar em um determinado tempo; A importância de

Leia mais

TEMA: POPULAÇÃO JOVEM DE 16 A 24 ANOS

TEMA: POPULAÇÃO JOVEM DE 16 A 24 ANOS Em 5 de agosto de 2013 foi sancionado o Estatuto da Juventude que dispõe sobre os direitos da população jovem (a Cidadania, a Participação Social e Política e a Representação Juvenil, a Educação, a Profissionalização,

Leia mais

Disciplina: Ciências. Período: I. Professor(a): Gislene das Graças Portes Ferreira Liliane Cristina de Oliveira Vieira

Disciplina: Ciências. Período: I. Professor(a): Gislene das Graças Portes Ferreira Liliane Cristina de Oliveira Vieira COLÉGIO LA SALLE BRASILIA Associação Brasileira de Educadores Lassalistas ABEL SGAS Q. 906 Conj. E C.P. 320 Fone: (061) 3443-7878 CEP: 70390-060 - BRASÍLIA - DISTRITO FEDERAL Disciplina: Ciências Período:

Leia mais

A novidade é que o Brasil não é só litoral É muito mais é muito mais que qualquer zona sul Tem gente boa espalhada por este Brasil Que vai fazer

A novidade é que o Brasil não é só litoral É muito mais é muito mais que qualquer zona sul Tem gente boa espalhada por este Brasil Que vai fazer CAUSAS: Acirramento da concorrência comercial entre as potências coloniais; Crise das lavouras de cana; Estagnação da economia portuguesa na segunda metade do século XVII; Necessidade de encontrar metais

Leia mais

Palestra: História da Cana-de. de-açúcar no Centro-Oeste Professora: Ana Paula PROJETO: PRODUÇÃO DO AÇÚCAR ORGÂNICO NA JALLES MACHADO S/A

Palestra: História da Cana-de. de-açúcar no Centro-Oeste Professora: Ana Paula PROJETO: PRODUÇÃO DO AÇÚCAR ORGÂNICO NA JALLES MACHADO S/A Palestra: História da Cana-de de-açúcar no Centro-Oeste Professora: Ana Paula PROJETO: PRODUÇÃO DO AÇÚCAR ORGÂNICO NA JALLES MACHADO S/A ORIGEM DA CANA-DE-AÇÚCAR A cana-de de-açúcar é uma planta proveniente

Leia mais

Ano: 7º Turma: 7.1 e 7.2

Ano: 7º Turma: 7.1 e 7.2 COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Paralela 2ª Etapa 2014 Disciplina: Geografia Professor (a): Fernando Parente Ano: 7º Turma: 7.1 e 7.2 Caro aluno, você está recebendo o conteúdo

Leia mais

COLÉGIO NOSSA SENHORA DE LOURDES 2ª SÉRIE Ensino Médio -2015. Roteiro de estudos para recuperação trimestral

COLÉGIO NOSSA SENHORA DE LOURDES 2ª SÉRIE Ensino Médio -2015. Roteiro de estudos para recuperação trimestral COLÉGIO NOSSA SENHORA DE LOURDES 2ª SÉRIE Ensino Médio -2015 Disciplina: Professor (a): QUÍMICA LUÍS FERNANDO Roteiro de estudos para recuperação trimestral Conteúdo: Referência para estudo: Sites recomendados:

Leia mais

REVISÃO AMÉRICA ANGLO SAXÔNICA E MÉXICO

REVISÃO AMÉRICA ANGLO SAXÔNICA E MÉXICO REVISÃO AMÉRICA ANGLO SAXÔNICA E MÉXICO DIVISÃO DO CONTINENTE AMERICANO Os países que pertencem a América do Norte são: EUA, Canadá e México. Os países que pertencem a América Anglo Saxônica são: EUA

Leia mais

A tendência do homem à mecanização, transformando as matérias-primas em bens úteis, gerando resíduos inúteis para o meio;

A tendência do homem à mecanização, transformando as matérias-primas em bens úteis, gerando resíduos inúteis para o meio; OS IMPACTOS AMBIENTAIS E A BIODIVERSIDADE 1 A poluição A introdução no meio ambiente de qualquer matéria ou energia que venha alterar as propriedades físicas, químicas ou biológica que afete a saúde das

Leia mais

Moacyr Bernardino Dias-Filho Embrapa Amazônia Oriental www.diasfilho.com.br Importância das pastagens na pecuária brasileira A maioria (> 90%) do rebanho é criado a pasto Pastagem é a forma mais econômica

Leia mais

Os impactos ambientais de maior incidência no país

Os impactos ambientais de maior incidência no país Os impactos ambientais de maior incidência no país Segundo a Pesquisa de Informações Básicas Municipais Perfil dos Municípios Brasileiros/MUNIC 2008, realizada regularmente pelo Instituto Brasileiro de

Leia mais

Química Geral I. Experimento 3 Tendências Periódicas

Química Geral I. Experimento 3 Tendências Periódicas Universidade Estadual do Norte Fluminense Centro de Ciência e Tecnologia Laboratório de Ciências Químicas Química Geral I Experimento 3 Tendências Periódicas 1 - OBJETIVOS Relacionar a reatividade química

Leia mais