Poly Easy do Brasil Ltda. CATÁLOGO DE

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Poly Easy do Brasil Ltda. CATÁLOGO DE"

Transcrição

1 Poly Easy do Brasil tda. CATÁOGO P R O D U T O S fone / fax

2 MISSÃO E POÍTICA DA QUAIDA POY EASY MISSÃO Trazer ao mercado as soluções mais aquadas em sistemas tubulações PE e PP, sob o aspecto técnico e econômico, privilegiando a criativida, a pesquisa e o senvolvimento e em conformida com as normas nacionais e internacionais, forma a satisfazer as expectativas dos seus clientes, e colaborar com o senvolvimento do país, respeitando o meio ambiente, bem como a prevalência dos princípios morais e éticos. POÍTICA DA QUAIDA Dotar a Poly Easy um Sistema Gestão da Qualida, melhorando constantemente sua eficácia, modo a: Oferecer produtos e serviços aquados às necessidas e às especificações seus clientes. Treinar seus funcionários e prover recursos visando a melhoria constante da qualida. Desenvolver-se e perpetuar-se através dos resultados obtidos pela qualida, inovação e satisfação seus clientes. V01/04 2

3 ÍNDICE Missão e Política da Qualida Poly Easy 2 Métodos união e sistemas conexões 4 Métodos rivação 5 Sistemas reparo 6 Transições 7 Conexões tipo ponta PE100 (Spigot) 8 Conexões tipo ponta PE80 e PP (Spigot) 17 Flanges 20 Conexões eletrofusão 22 Válvulas PE 36 Juntas transição 37 Conexões compressão metálicas Primofit 40 Conexões compressão 41 Conexões compressão para rivação EASY RAMA 51 Conexões compressão para rivação Colar tomada 52 Tubos PE, PP e Gás tabela dimensões 53 Tolerâncias dos tubos PE e PP 56 Codificação dos tubos PE e PP 57 Conexões ponta especiais 59 Condições gerais venda 62 3 V01/04

4 MÉTODOS UNIÃO E SISTEMAS CONEXÕES SODA TOPO para tubos PE e PP e conexões tipo PONTA para 63 mm - SDR 7 a 32 Tubo PE Cordão solda SODA POR EETROFUSÃO somente para tubos PE e conexões tipo EF para 20 a 500 mm - SDR 7 a 17 Resistências elétricas Conector Tubo PE JUNTA MECÂNICA COMPRESSÃO fabricadas em PP, com anel vedação em borracha nitrílica, para tubos PE e PP para 20 a 110 mm - PN 10 e 16 Tubo PE Corpo (PP) Anel (NBR) Garra (POM) Porca (PP) UNIÃO FANGEADA para tubos PE e PP para 32 a mm - PN 10 e 16 SDR 7 a 32 Junta vedação borracha Colarinho PE Flange aço ou PRFV Tubo PE V01/04 4

5 MÉTODOS RIVAÇÃO tê redução tê eletrofusão + redução eletrofusão tê sela eletrofusão + luva eletrofusão tê serviço eletrofusão Easy Ramal Tê serviço autotravado para ligações prediais em carga saída Ø20 mm saída ؾ" BSPT saída Ø32 mm colar tomada + adaptador macho (para junta mecânica) tê redução compressão ou tê compressão com rivação fêmea + adaptador macho (para juntas mecânicas) 5 V01/04

6 SISTEMAS REPARO MECÂNICOS UNIÃO COMPRESSÃO para tubos PE, PP e PVC 20 a 160 mm PN até 16 bar CARRETE FANGEADO para tubos PE e PP 63 a 1200 mm SDR 7 a 32 Tubo PE (variável) Colarinho Flange (aço ou PRFV) ABRAÇAIRA REPARO em aço inox com vedação borracha para tubos PE, PP e PVC 50 a 800 mm SDR 17 a 32 SODÁVEIS EETROFUSÃO somente para tubos PE 20 a 400 mm SDR 7 a 17 TERMOFUSÃO para tubos PE e PP 63 a 1200 mm SDR 7 a 32 solda topo colarinho e flange V01/04 6

7 TRANSIÇÕES MECÂNICAS COARINHO / FANGE COM OUTROS MATERIAIS para tubos PE e PP tubo PE e PP tubo aço / F o F o / PVC / PRFV / etc. tubo PE e PP ponta flange tubo PE e PP bolsa flange tubo PE e PP c/ adaptador ponta PE / PP para outros materiais (tubo F o F o / PVC / PRFV) Adaptador ponta Adaptador compressão para elementos com rosca adapt. fêmea tubo roscado adapt. macho luva roscada (aço / PVC / galvanizado / etc.) SODÁVEIS JUNTAS TRANSIÇÃO PE x aço e PE x atão PE x ponta aço ou rosca PE x atão rosca BSPT Risers PE aço somente para tubos PE Ponta PE x ponta solda ou rosca 7 V01/04

8 CONEXÕES TIPO PONTA (SPIGOT) CONEXÕES TIPO PONTA OU SPIGOT São conexões monolíticas, produzidas por injeção e/ou usinagem semi acabados. Materiais: PE80 ou PE 100 Conforme normas: ISO/EN 1555 part 3, ISO/EN part 3, NBR Pom ser dois molos: onga (Polivalente) ou Curta As Polivalentes ou ongas possuem comprimento da ponta (extremida) suficientemente longo para serem soldadas tanto por termofusão topo quanto por conexões eletrofusão. As Curtas somente são aquadas para solda topo. 1 2 Dimensões mínimas das extremidas (pontas) das conexões Polivalentes, conforme normas mm 1 min mm 2 min mm min mm mm 1 min mm 2 min mm min mm , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , e ,8 OBS: Para a utilização das conexões tipo ponta (Spigot) com conexões compressão, a dimensão 2 verá ter um prolongamento extra. V01/04 8

9 CONEXÕES TIPO PONTA (SPIGOT) TIPOS BÁSICOS CONEXÕES PONTA curva 90 curva 45 tê 90 redução concêntrica cap Pressão trabalho a 20ºC vida útil 50 anos conforme normas indicadas PRESSÃO (bar) ÁGUA GÁS SDR ISO/EN ISO/EN 1555 NBR PE 80 PE 100 PE 80 PE 100 PE 80 PE , , V01/04

10 CONEXÕES TIPO PONTA (SPIGOT) As Conexões tipo Ponta pom ser fornecidas em kits com as extremidas acrescidas colarinhos para flanges soltos ou luvas eletrofusão, como no esquema abaixo: rivação extremida extremida 11/12/13/14 21/22/23/24 31/32/33/34 41/42/43/44 51/52/53/54 1E 1E 2E 2E 3E Para codificar esse tipo produto, basta acrescentar ao código do produto básico a terminação ET (Extremida/Tipo), como abaixo: TEP : TEP E: tê 90 spigot PE80 Ø90 SDR11 tê 90 spigot PE80 Ø315 SDR13 com luvas EF nas 3 extremidas E Extremida T Tipo 1 uma extremida flangeada ou luva EF 1 flange solto DIN aço carbono 2 duas extremidas flangeadas flange solto 2 ou luvas EF DIN PRFV 3 três extremidas flangeadas flange solto 3 ou luvas EF ANSI aço carbono 4 rivação flangeada 4 flange solto ANSI PRFV 5 rivação e extremida flangeada 5 luva EF V01/04 10

11 CONEXÕES TIPO PONTA (SPIGOT) PE 100 COTOVEO 90 - onga Código: COP1DDDSD900ET Material: PE100 SDR 11, 17 e 17.6 outros sob encomenda Z Código Z COP * COP * COP * COP * COP * COP * COP COP1090SD COP1110SD COP1125SD COP1140SD COP1160SD COP1180SD COP1200SD COP1225SD COP1250SD COP1280SD COP1315SD * somente SDR 11 CURVA 90 - Curta Código: COP1DDDSD900CET Material: PE100 SDR 11, 17 e 17.6 outros sob encomenda R Código R Z COP1355SD900C COP1400SD900C COP1450SD900C COP1500SD900C Z COTOVEO 45 - onga Código: COP1DDDSD400ET Material: PE100 SDR 11, 17 e 17.6 outros sob encomenda Z Código Z COP COP COP COP COP COP1090SD COP1110SD COP1125SD COP1140SD COP1160SD COP1180SD COP1200SD COP1225SD COP1250SD COP1280SD ,5 238 COP1315SD V01/04

12 CONEXÕES TIPO PONTA (SPIGOT) PE 100 TÊ 90 - ongo Código: TEMMDDDSD900ET Material: PE100 SDR 11, 17 e 17.6 outros sob encomenda Z 1 Código 1 Z TEP * TEP * TEP * TEP * TEP * TEP * TEP TEP1090SD TEP1110SD TEP1125SD TEP1140SD TEP1160SD TEP1180SD TEP1200SD TEP1225SD TEP1250SD TEP1280SD TEP1315SD TEP1355SD TEP1400SD TEP1450SD TEP1500SD *somente SDR11 TÊ 90 - Curto Código: TEP1DDDSD900CET Material: PE100 SDR 11, 17 e 17.6 outros sob encomenda 1 Z Código 1 Z TEP1400SD900C TEP1450SD900C TEP1500SD900C V01/04 12

13 CONEXÕES TIPO PONTA (SPIGOT) PE 100 TÊ 90 REDUÇÃO - ongo Código: TRP1DDDdddST Material: PE100 SDR 11, 17 e 17.6 outros sob encomenda Z 2 1 Código x 1 2 Z TRP * TRP * TRP * TRP * TRP TRP TRP TRP SD TRP SD TRP SD TRP SD TRP SD ,5 89, ,5 TRP SD ,5 TRP SD ,5 TRP SD ,5 TRP SD , ,5 TRP SD TRP SD TRP SD ,5 93,5 204,5 TRP SD TRP SD TRP SD TRP SD TRP SD , ,5 TRP SD , ,5 TRP SD , ,5 TRP SD ,5 TRP SD ,5 131,5 276,5 TRP SD TRP SD TRP SD TRP SD TRP SD TRP SD *somente SDR11 TÊ 45 - ongo Código: TEMMDDDSD400ET Material: PE100 SDR 11, 17 e 17.6 outros sob encomenda Z 1 Código Z 1 TEP * TEP * TEP1090SD TEP1110SD *somente SDR11 13 V01/04

14 CONEXÕES TIPO PONTA (SPIGOT) PE 100 CAP - ongo Código: CAP1DDDSDXET Material: PE100 SDR 11, 17 e 17.6 outros sob encomenda 1 Código 1 CAP * CAP * CAP * CAP * CAP * CAP * CAP CAP1090SD CAP1110SD CAP1125SD CAP1140SD CAP1160SD CAP1180SD CAP1200SD CAP1225SD CAP1250SD CAP1280SD CAP1315SD CAP1355SD CAP1400SD *somente SDR11 REDUÇÃO CONCÊNTRICA - Curta Código: RCP1DDDdddSDCET Material: PE SDR 11, 17 e 17.6 outros sob encomenda Código Z 1 Código Z 1 RCP SDC RCP SDC RCP SDC 250 x RCP SDC RCP SDC RCP SDC RCP SDC RCP SDC RCP SDC RCP SDC RCP SDC RCP SDC RCP SDC RCP SDC RCP SDC RCP SDC RCP SDC RCP SDC RCP SDC RCP SDC RCP SDC RCP SDC RCP SDC RCP SDC RCP SDC RCP SDC RCP SDC RCP SDC RCP SDC RCP SDC RCP SDC RCP SDC RCP SDC RCP SDC RCP SDC Dimensões em mm *560 e 630 somente SDR17 V01/04 14

15 CONEXÕES TIPO PONTA (SPIGOT) PE 100 REDUÇÃO CONCÊNTRICA - onga Código: RCP1DDDdddSDET Material: PE100 SDR 11, 17 e 17.6 outros sob encomenda 1 2 Código Z 1 Código Z 1 RCP x RCP SD RCP x RCP SD ,5 96,5 RCP x RCP SD 180 x RCP x RCP SD 180 x RCP x RCP SD RCP x RCP SD RCP x RCP SD RCP x RCP SD RCP x RCP SD RCP x RCP SD 200 x RCP RCP SD 225 x RCP RCP SD 225 x RCP RCP SD 225 x RCP SD RCP SD 225 x RCP SD RCP SD RCP SD RCP SD 250 x RCP SD RCP SD RCP RCP SD RCP SD RCP SD RCP RCP SD 280 x RCP SD RCP SD RCP RCP SD RCP SD RCP SD RCP SD RCP SD RCP SD RCP SD RCP SD RCP SD RCP SD 140 x RCP SD RCP SD 140 x RCP SD RCP SD 140 x RCP SD RCP SD 140 x ,5 90 RCP SD RCP SD RCP SD RCP SD até 63 somente SDR11 15 V01/04

16 CONEXÕES TIPO PONTA (SPIGOT) PE 100 COARINHO PARA FANGE - ongo Código: CFP1DDDSDDET Material: PE100 SDR 11, 17 e 17.6 outros sob encomenda Colarinho para flange DIN 2673 / ISO 2531 / ABNT PB 15 ou NBR PN 12.5 Todos diâmetros Colarinho para flange ANSI B 16,5-150 psi 110 a Código D CFP1032SDD 32* CFP1040SDD 40* CFP1050SDD 50* CFP1063SDD 63* CFP1075SDD CFP1090SDD D2 CFP1110SDD CFP1125SDD CFP1140SDD CFP1160SDD CFP1180SDD CFP1200SDD CFP1225SDD CFP1250SDD CFP1280SDD CFP1315SDD CFP1355SDD CFP1400SDD * somente SDR11 COARINHO PARA FANGE - Curto Código: CFP1DDDSDDCET Material: PE100 SDR 11, 17 e 17.6 outros sob encomenda 1 2 Código D CFP1250SDDC CFP1280SDDC CFP1315SDDC D2 CFP1355SDDC CFP1400SDDC CFP1450SDDC CFP1500SDDC (*) Colarinhos curtos para flange, específicos para solda topo V01/04 16

17 CONEXÕES TIPO PONTA (SPIGOT) PE 80 e PP REDUÇÃO CONCÊNTRICA Código: RCMMDDDdddSDDXET Material: PE80 ou PP SDR 32 a 11 (*) Código SDR * Código SDR * RCMM RCMM225160SDX a RCMM RCMM225180SDX a RCMM RCMM225200SDX a RCMM RCMM250180SDX a RCMM RCMM250200SDX a RCMM075032SD e RCMM250225SDX a RCMM075040SD e RCMM280200SDX a RCMM075050SD e RCMM280225SDX a RCMM075063SD e RCMM280250SDX a RCMM090032SD e RCMM315200SDC a RCMM090040SD e RCMM315225SDC a RCMM090050SD e RCMM315250SDC a RCMM RCMM315280SDC a RCMM090075SD e RCMM355250SDC a RCMM110050SDX a RCMM355280SDC a RCMM X RCMM355315SDC a RCMM110075SDX a RCMM400280SDC a RCMM X RCMM400315SDC a RCMM125063SDX a RCMM400355SDC a RCMM125075SDX a RCMM450280SDC a RCMM125090SDX a RCMM450315SDC a RCMM125110SDX a RCMM450355SDC a RCMM140075SDX a RCMM450400SDC a RCMM140090SDX a RCMM500315SDC a RCMM140110SDX a RCMM500355SDC a RCMM140125SDX a RCMM500400SDC a RCMM160090SDX a RCMM500450SDC a RCMM160110SDX a RCMM560355SDC a RCMM160125SDX a RCMM560400SDC a RCMM160140SDX a RCMM560450SDC a RCMM180125SDX a RCMM560500SDC a RCMM180140SDX a RCMM630400SDC a RCMM180160SDX a RCMM630450SDC a RCMM200140SDX a RCMM630500SDC a RCMM200160SDX a RCMM630560SDC a RCMM200180SDX a : reduções concêntricas longas *: reduções concêntricas curtas, específicas para solda topo 17 V01/04

18 CONEXÕES TIPO PONTA (SPIGOT) PE 80 e PP COARINHO PARA FANGE Código: CFMMDDDSDDXET Material: PE80 ou PP SDR 32 a Colarinho para flange DIN 2673 / ISO 2531 / ABNT PB 15 ou NBR PN 12,5 Todos diâmetros D2 Colarinho para flange ANSI B 16,5-150 psi 110 a Código D2 1 1* 2 3 3* r SDR CFMM032SDD ,0 13 a 11 CFMM040SDD ,0 17 a 11 CFMM050SDD ,0 26 a 11 CFMM063SDD ,0 32 a 11 CFMM075SDD ,0 32 a 11 CFMM090SDD ,0 32 a 11 CFMM110SDDX ,0 32 a 11 CFMM125SDDX ,5 32 a 11 CFMM140SDDX ,0 32 a 11 CFMM160SDDX ,0 32 a 11 CFMM180SDDX ,5 32 a 11 CFMM200SDDX ,0 32 a 11 CFMM225SDDX ,5 32 a 11 CFMM250SDDX ,5 32 a 11 CFMM280SDDX ,0 32 a 11 CFMM315SDDX ,5 32 a 11 CFMM355SDDX ,0 32 a 11 CFMM400SDDX ,0 32 a 11 CFMM450SDDX ,5 32 a 11 CFMM500SDDX ,0 32 a 11 CFMM560SDDX ,0 32 a 11 CFMM630SDDX ,5 32 a 11 : colarinhos longos *: colarinhos curtos, específicos para solda topo V01/04 18

19 CONEXÕES TIPO PONTA (SPIGOT) PE 80 e PP COARINHO PARA FANGE DIN PN 16 Código: CFMMDDDSDDXET Material: PE80 ou PP SDR 11 e 9 Código D2 1 1* 2 3 3* r SDR CFP8032SDD ,0 11 / 9 CFP8040SDD ,0 11 / 9 CFP8050SDD ,0 11 / 9 CFP8063SDD ,0 11 / 9 CFP8075SDD ,0 11 / 9 CFP8090SDD ,0 11 / 9 CFP8110SDDX ,0 11 / 9 CFP8125SDDX ,5 11 / 9 CFP8140SDDX ,0 11 / 9 CFP8160SDDX ,0 11 / 9 CFP8180SDDX ,5 11 / 9 CFP8200SDDX ,0 11 / 9 CFP8225SDDX ,5 11 / 9 CFP8250SDDX ,5 11 / 9 CFP8280SDDX ,0 11 / 9 : colarinhos longos *: colarinhos curtos, específicos para solda topo COARINHO PARA FANGE ANSI B psi Código: CFMMDDDSDAET Material: PE80 ou PP SDR 32 a 11 Código D R SDR CFP8032SDA 32 63, ,0 13 e 11 CFP8040SDA ,0 17 a 11 CFP8050SDA ,0 26 a 11 CFP8063SDA ,0 32 a 11 CFP8075SDA ,0 32 a 11 CFP8090SDA ,0 32 a 11 Para mais diâmetros, os colarinhos são os mesmos da tabela para DIN / ABNT / ISO - PN V01/04

20 FANGES FANGES SOTOS / FANGES CEGOS Norma DIN 2673 / ISO 2531 / ABNT PB 15 ou NBR 7675 fornecidos em aço SAE 1020 com pintura base tipo zarcão / revestimento especial sob consulta pom ser fornecidos também em PRFV (Poliéster Reforçado com Fibra Vidro) É necessário o uso junta vedação em borracha nitrílica com espessura 1/8" ou 3 mm Código: FTMNDDDPN b b COMO CODIFICAR FSA6010: Flange solto aço carbono DIN Ø160 PN10 FCAD31510: Flange cego aço carbono DIN Ø315 PN10 FSF8010: Flange solto PRFV DIN Ø180 PN10 FCFD09010: Flange cego PRFV DIN Ø90 PN10 FT FANGE / TIPO FS FANGE SOTO FC FANGE CEGO DK D2 MN MATERIA / NORMA AD aço carbono / norma DIN FD PRFV / norma DIN d DDD DIÂMETRO PN Pressão Nominal 10 kgf/cm 2 Flange Cego Flange Solto Dnom Dnom D2 DK d b Parafusos Peso - Aço Peso PRFV (pol) qt Ø 32 1" M ,03 1, ,20 0, ¼" M ,51 1, ,30 0, ½" M ,66 2, ,35 0, " M ,96 2, ,43 0, ½" M ,41 3, ,61 0,81 75 * 2½" M ,75 3, ,72 0,92 90 * 3" M ,43 3, ,64 0, " M ,54 3, ,71 1, " M ,06 5, ,87 1, " M ,06 5, ,85 1, " M ,88 6, ,10 1, " M ,07 8, ,51 2, " M ,66 8, ,50 2, " M ,97 13, ,19 4, " M ,79 13, ,33 4, " M ,66 20, ,05 6, " M ,19 20, ,31 7, " M ,94 32, ,26 10,09 solto (kg) cego (kg) " M ,28 42, " M ,37 60, " M ,58 71, " M ,45 102, " M ,46 160, " M ,30 160,2 (*) Flange utilizado preferencialmente em saneamento b solto (kg) cego (kg) V01/04 20

21 FANGES FANGES SOTOS / FANGES CEGOS Com FURAÇÃO Norma ANSI B 16,5 150 psi (Norma ANSI B 16,5 sob consulta) fornecidos em aço com pintura base tipo zarcão / revestimento especial sob consulta pom ser fornecidos também em PRFV (Poliéster Reforçado com Fibra Vidro) É necessário o uso junta vedação em borracha nitrílica com espessura 1/8" ou 3 mm Código: FTMNDDDPN b b COMO CODIFICAR FSAA20010: Flange solto aço carbono ANSI Ø200 PN10 FCAA35510: Flange cego aço carbono ANSI Ø355 PN10 FSFA14010: Flange solto PRFV ANSI Ø140 PN10 FCFA07510: Flange cego PRFV ANSI Ø75 PN10 FT FANGE / TIPO FS FANGE SOTO FC FANGE CEGO DK D2 MN MATERIA / NORMA AA aço carbono / norma ANSI FD PRFV / norma ANSI d DDD DIÂMETRO PN Pressão Nominal 10 kgf/cm 2 (150 PSI) Flange Cego Flange Solto Dnom Dnom D2 DK d b Parafusos Peso Aço Peso PRFV Qt Ø l 32 1" 107, ,4 15, ½" 75 0,85 1, ,20 0, ¼" 117, ,9 15, ½" 90 0,96 1, ,30 0, ½" , /8" 90 1,02 1, ,35 0, " , , /8" 90 1,55 2, ,43 0, ½" , , /8" 90 2,14 2, ,61 0, " , , /8" 95 2,41 3, ,71 1, " , , /8" 95 3,46 5, ,87 1, " , , /8" 95 3,46 5, ,85 1, " ,9 22, ¾" 95 3,95 6, ,10 1, " , ,3 22, ¾" 150 4,71 8, ,51 2, " , ,3 22, ¾" 150 4,30 8, ,50 2, " , ,4 22, ¾" 160 7,20 14, ,19 4, " , ,4 22, ¾" 160 7,03 14, ,33 4, " , ,9 25, /8" ,10 21, ,05 6, " , ,9 25, /8" 200 9,63 21, ,31 7, " , ,8 25, /8" ,78 36, ,26 10,09 solto (kg) cego (kg) " , ,2 28, " ,45 46, " , ,7 28, " ,23 67, " , /8" ,19 75, " , , /8" ,01 109, " , , ¼" ,50 172, " , , ¼" ,71 172,6 (*) Flange utilizado preferencialmente em saneamento b solto (kg) cego (kg) 21 V01/04

22 CONEXÕES EETROFUSÃO Produzidas com composto Polietileno PE100 para distribuição água potável e gás natural ou manufaturado. Conforme normas: ISO/EN 1555 part 3, ISO/EN part 3, NBR Aplicação das conexões eletrofusão: Tipo da conexão Diâmetro do tubo SDR uvas Ø20 a Reduções Ø20 a Cotovelos Ø20 a Tês Ø20 a Tês serviço até Ø75 11 Ø90 a Tês sela até Ø75 11 Ø90 a V01/04 22

23 CONEXÕES EETROFUSÃO UVA Código: UEFP1DDD SDR 11: 10 bar gás Material: PE bar água até 63 possui sistema alinhamento/fixação integrado conector Ø 4,0 mm 20 a 63 mm 75 a 400 mm Código UEFP UEFP UEFP UEFP UEFP UEFP UEFP UEFP UEFP UEFP UEFP UEFP UEFP UEFP UEFP UEFP UEFP UEFP UEFP UEFP UVA Código: UEFP1DD7 Material: PE100 SDR 17: 5 bar gás 10 bar água conector Ø 4,0 mm Código UEFP UEFP UEFP UEFP UEFP UEFP UEFP UEFP UEFP UEFP UEFP V01/04

24 CONEXÕES EETROFUSÃO COTOVEO 90 Código: COEFP1DDD900 Material: PE100 SDR 11: 10 bar gás 16 bar água 1 Z até 63 possui sistema alinhamento/fixação integrado conector Ø 4,0 mm Código 1 Z COEFP COEFP COEFP COEFP COEFP COEFP a 63 mm 1 Z conector Ø 4,0 mm Código 1 Z COEFP COEFP COEFP COEFP COEFP COEFP a 180 mm 1 Z conector Ø 4,0 mm possui duas zonas fusão separadas (bifilar) Código 1 Z COEFP COEFP COEFP a 250 mm V01/04 24

25 CONEXÕES EETROFUSÃO COTOVEO 45 Código: COEFP1DDD900 Material: PE100 SDR 11: 10 bar gás 16 bar água 1 Z até 63 possui sistema alinhamento/fixação integrado conector Ø 4,0 mm Código 1 Z COEFP COEFP COEFP COEFP a 63 mm 1 Z conector Ø 4,0 mm Código 1 Z COEFP COEFP COEFP COEFP OEFP COEFP a 180 mm 1 Z conector Ø 4,0 mm possui duas zonas fusão separadas (bifilar) Código 1 Z COEFP COEFP COEFP a 250 mm 25 V01/04

26 CONEXÕES EETROFUSÃO TÊ 90 Código: TEEFP1DD SDR 11: 10 bar gás Material: PE bar água Po ser fornecido o KIT com luva EF na rivação. Acrescente E ao código do produto Z1 H Z 1 até 63 possui sistema alinhamento/fixação integrado conector Ø 4,0 mm Código 1 Z Z1 H TEEFP TEEFP TEEFP TEEFP TEEFP TEEFP Z1 H Z 1 conector Ø 4,0 mm Código 1 Z Z1 H TEEFP TEEFP TEEFP TEEFP TEEFP TEEFP Z1 H conector Ø 4,0 mm possui duas zonas fusão separadas (bifilar) Código 1 Z Z1 H TEEFP TEEFP TEEFP Z 1 TE 90 REDUÇÃO Código: TREFP1DDDdddE SDR 11: 10 bar gás Material: PE bar água Po ser fornecido o KIT com luva EF na rivação. Acrescente E ao código do produto Z1 H Z 1 conector Ø 4,0 mm possui duas zonas fusão separadas (bifilar) Código x 1 Z Z1 H TREFP x TREFP x TREFP x TREFP x TREFP x TREFP x V01/04 26

27 CONEXÕES EETROFUSÃO REDUÇÃO CONCÊNTRICA Código: RCEFP1DDDddd SDR 11: 10 bar gás Material: PE bar água até 63 possui sistema alinhamento/fixação integrado conector Ø 4,0 mm 2 Z 1 conector Ø 4,0 mm Código x 1 2 Z RCEFP x RCEFP x RCEFP x RCEFP x RCEFP x RCEFP x RCEFP x RCEFP x RCEFP x conector Ø 4,0 mm Código x 1 2 Z RCEFP x RCEFP x RCEFP x RCEFP x RCEFP x Z 1 Z 2 conector Ø 4,0 mm possui duas zonas fusão separadas (bifilar) Código x 1 2 Z RCEFP x RCEFP x RCEFP x V01/04

28 CONEXÕES EETROFUSÃO CAP Código: CAEFP1DDD SDR 11: 10 bar gás Material: PE bar água até 63 possui sistema alinhamento/fixação integrado 1 conector Ø 4,0 mm Código CAEFP CAEFP CAEFP CAEFP CAEFP CAEFP DIMENSÕES EM MM kit com cap + luva EF conector Ø 4,0 mm Código CAP1075E CAP1090E CAP1110E CAP1125E CAP1140E CAP1180E conector Ø 4,0 mm Código CAEFP CAEFP CAEFP CAEFP V01/04 28

29 CONEXÕES EETROFUSÃO TÊ SEA PONTA Código: TSEFP1DDDdddE SDR 11: 10 bar gás Material: PE bar água Fornecido completo, com abraçaira inferior conector Ø 4,0 mm Po ser fornecido o KIT com luva EF na rivação. Acrescente E ao código do produto H1 H Código H H1 TSEFP TSEFP TSEFP TSEFP TSEFP TSEFP TSEFP TSEFP TSEFP TSEFP TSEFP TSEFP TSEFP TSEFP TSEFP TSEFP TSEFP TSEFP TSEFP TSEFP TSEFP TSEFP TSEFP * TSEFP * TIPO TOP OAD SEA REPARO/REFORÇO Código: SREFP1DDD Material: PE100 SDR 11: 10 bar gás 16 bar água conector Ø 4,0 mm necessita ferramenta específica para fixar Código SREFP SREFP SREFP SREFP SREFP SREFP SREFP SREFP SREFP SREFP SREFP V01/04

30 CONEXÕES EETROFUSÃO TÊ SEA FÊMEA Código: BSEFP1DDDddd SDR 11: 10 bar gás Material: PE bar água Fornecido completo, com abraçaira inferior Possui sistema alinhamento/fixação integrado na rivação conector Ø 4,0 mm saída em EF Código BSEFP BSEFP BSEFP BSEFP BSEFP BSEFP BSEFP BSEFP BSEFP BSEFP BSEFP BSEFP * BSEFP * * TIPO TOP OAD TÊ SEA FÊMEA Código: BSEFP1DDDddd SDR 11: 10 bar gás Material: PE bar água Fornecido completo, com abraçaira inferior Possui sistema alinhamento/fixação integrado na rivação conector Ø 4,0 mm Código BSEFP BSEFP BSEFP BSEFP x BSEFP x BSEFP x BSEFP BSEFP x BSEFP x BSEFP BSEFP BSEFP x BSEFP BSEFP x BSEFP x BSEFP BSEFP x BSEFP x BSEFP BSEFP BSEFP OBS: ARGURA DO TÊ SEA V01/04 30

31 CONEXÕES EETROFUSÃO TÊ BAONAR Máxima Passagem 56 mm Código: BSEFP1DDD212 Material: PE100 SDR 11: 10 bar gás 16 bar água Fornecido completo, com abraçaira inferior Rosca acoplamento em latão. Rosca externa 2 ½ e rosca interna 2 conector Ø 4,0 mm Código BSEFP ½ 165 BSEFP ½ 165 BSEFP ½ 165 BSEFP ½ 165 BSEFP ½ 165 BSEFP ½ 165 BSEFP ½ 165 BSEFP ½ 165 BSEFP ½ 165 BSEFP ½ 165 BSEFP ½ 165 BSEFP * 280 x 2 ½ 165 BSEFP * 315 x 2 ½ 165 Obs: largura do tê sela * somente Top oad TÊ BAONAR Máxima Passagem 50 mm com adaptador para PE Código: BSEFP1DDD234 Material: PE100 SDR 11: 10 bar gás 16 bar água Fornecido completo, com abraçaira inferior Rosca acoplamento em PE. Rosca externa 2 ¾ e rosca interna 2 conector Ø 4,0 mm Código BSEFP ¾ 165 BSEFP ¾ 165 BSEFP ¾ 165 BSEFP ¾ 165 BSEFP ¾ 165 BSEFP ¾ 165 BSEFP ¾ 165 BSEFP ¾ 165 BSEFP ¾ 165 BSEFP ¾ 165 BSEFP ¾ 165 BSEFP * 280 x 2 ¾ 165 BSEFP * 315 x 2 ¾ 165 Obs: largura do tê sela * somente Top oad 31 V01/04

32 CONEXÕES EETROFUSÃO TÊ SERVIÇO MONOBOCO Código: TTEFP1DDDdddUE Material: PE100 SDR 11: 10 bar gás 16 bar água Fornecido completo, com abraçaira inferior Po ser fornecido o KIT com luva EF na rivação. Acrescente E ao código do produto conector Ø 4,0 mm Z H 1 H1 Código H H1 1 Z TTEFP U* 32 x 20 TTEFP U 40 x TTEFP U 40 x TTEFP U 50 x TTEFP U 50 x TTEFP U 50 x TTEFP U 63 x TTEFP U TTEFP U TTEFP U 63 X * Top oad TÊ SERVIÇO MONOBOCO COM GAS STOP mbar Código: TTEFP1DDDdddUHE Material: PE100 SDR 11: 10 bar gás 16 bar água Fornecido completo, com abraçaira inferior Po ser fornecido o KIT com luva EF na rivação. Acrescente E ao código do produto conector Ø 4,0 mm Código H H1 1 Z TTEFP UH 40 x TTEFP UH 50 x TTEFP UH 63 x TÊ SERVIÇO MONOBOCO COM GAS STOP 150 mbar 5 bar Código: TTEFP1DDDdddUGE Material: PE100 SDR 11: 10 bar gás 16 bar água Fornecido completo, com abraçaira inferior Po ser fornecido o KIT com luva EF na rivação. Acrescente E ao código do produto conector Ø 4,0 mm Código H H1 1 Z TSEFP UG 40 x TSEFP UG 50 x TSEFP UG 63 x V01/04 32

33 CONEXÕES EETROFUSÃO TÊ SERVIÇO ROTATIVO Código: TTEFP1DDDdddE Código: TTEFP1DDDdddHE Código: TTEFP1DDDdddGE Material: PE100 SDR 11: 10 bar gás 16 bar água Com gas stop mbar Com gas stop 150 mbar - 5 bar Fornecido completo, com abraçaira inferior Po ser fornecido o KIT com luva EF na rivação. Acrescente E ao código do produto conector Ø 4,0 mm Z H O Tê Serviço Rotativo po ser instalado com o ramal direcionado na posição sejada. Basta girar a torre da conexão antes da soldagem. 1 H1 Código H H1 1 Z TSEFP TSEFP x TSEFP TSEFP x TSEFP E* 63 x TSEFP x TSEFP TSEFP x TSEFP TSEFP E* 75 x TSEFP x TSEFP TSEFP TSEFP x TSEFP TSEFP x TSEFP E* 90 x TSEFP TSEFP TSEFP x TSEFP TSEFP x TSEFP E* 110 x TSEFP TSEFP TSEFP x TSEFP TSEFP x TSEFP E* 125 x TSEFP TSEFP TSEFP x TSEFP TSEFP x TSEFP E* 140 x TSEFP * somente disponível com redução EF na rivação 33 V01/04

34 CONEXÕES EETROFUSÃO TÊ SERVIÇO ROTATIVO Código: TTEFP1DDDdddE Código: TTEFP1DDDdddHE Código: TTEFP1DDDdddGE Material: PE100 SDR 11: 10 bar gás 16 bar água Com gas stop mbar Com gas stop 150 mbar - 5 bar Fornecido completo, com abraçaira inferior Po ser fornecido o KIT com luva EF na rivação. Acrescente E ao código do produto conector Ø 4,0 mm Z H H Z 1 1 H1 H1 Código H H1 1 Z TSEFP TSEFP TSEFP TSEFP x TSEFP E* 160 x TSEFP x TSEFP TSEFP x TSEFP TSEFP x TSEFP E* 180 x TSEFP TSEFP TSEFP TSEFP TSEFP TSEFP E* TSEFP TSEFP TSEFP TSEFP TSEFP TSEFP E* TSEFP TSEFP TSEFP TSEFP TSEFP TSEFP E* TSEFP TSEFP E* TSEFP E* TSEFP E* TSEFP TSEFP E* TSEFP E* TSEFP E* TSEFP * somente disponível com redução EF na rivação V01/04 34

35 CONEXÕES EETROFUSÃO TÊ SERVIÇO ROTATIVO C/ VÁVUA Código: TVEFP1DDDdddXE Material: PE100 SDR 11: 10 bar gás 16 bar água Código: TVEFP1DDDdddAE Com furação tipo punção 28 voltas p/ fechar/abrir Código: TVEFP1DDDdddBE Com furação tipo faca 22 voltas p/ fechar/abrir Fornecido completo, com abraçaira inferior Po ser fornecido o KIT com luva EF na rivação. Acrescente E ao código do produto conector Ø 4,0 mm H Z 1 H1 Código H H1 1 Z TVEFP X 63 x TVEFP X 63 x TVEFP X 75 x TVEFP X TVEFP X TVEFP X TVEFP X TVEFP X TVEFP X TVEFP X TVEFP X TVEFP X TVEFP X 160 x TVEFP X 160 x TVEFP X 180 x TVEFP X 180 x TVEFP X 200 x TVEFP X 200 x TVEFP X 225 x TVEFP X 225 x TVEFP X 250 x 32* TVEFP X 250 x 63* TVEFP X 280 x 32** TVEFP X 280 x 63** TVEFP X 315 x 32** TVEFP X 315 x 63** * somente para SDR 17 ** somente tipo topo load VÁVUA SOBRE FUXO Código: VSEFP1DDDX Material: PE100 SDR 11: 10 bar gás 16 bar água Código: VSEFP1DDDA uva EF com válvula sobre fluxo integrada: mbar Código: VSEFP1DDDB uva EF com válvula sobre fluxo integrada: 100 mbar 4 bar Sistema Mertik Maxitral Código VSEFP1025X VSEFP1032X VSEFP1040X VSEFP1050X VSEFP1063X V01/04

36 VÁVUAS PE VÁVUA ESFERA EM PE Código: VEXP1DD1PA Material: PE100 Código: VERP1DD1PA Código: VSPP1DD1PA SDR 11: 10 bar gás 16 bar água com passagem reduzida com passagem plena H H1 1 Código 1 H H1 VERP102011PA , VERP102511PA , VERP103211PA , VERP104011PA , VERP105011PA VEXP106311PA* VERP107511PA VEXP109011PA* VEXP111011PA* VERP112511PA VEXP116011PA* VERP118011PA VERP120011PA VERP822511PA** * disponível com passagem plena ou reduzida ** PE 80 SDR11 5 bar gás/10 bar água ACESSÓRIOS PARA VÁVUA ADAPTADOR PARA TUBO SUBIDA Código: AVTS PURGA Consulte nosso partamento comercial para informações a respeito ste produto V01/04 36

37 JUNTAS TRANSIÇÃO TRANSIÇÃO PE AÇO PONTA Código: TGMMDDDdddXXT Material: PE 80 ou PE100 Aço API 5 SCH 40 On: ou ASTM A53 SCH 40 TG: MM: DDD: ddd: XX: Transição Gás P1 PE100 / P8 PE80 Diâmetro Polietileno Diâmetro aço Tipo extremida/rosca P Ponta BM BSPT macho NM NPT macho T: Tipo da transição R Riser SDR 11 Revestidas com pintura epóxi alta resistência à corrosão Transição PEAD Aço ponta solda Transição PEAD Aço rosca macho BSPT / NPT JUNTA TRANSIÇÃO PE AÇO PONTA SODA Código 1 2 Código 1 2 TGP P 20 ½" TGP P 110 4" TGP P 25 ¾" TGP P 125 4" TGP P 32 1" TGP P 160 6" TGP P* 40 1¼" TGP P 180 6" TGP P* 50 1½" TGP P* 200 8" TGP P 63 2" TGP P* 225 8" TGP P* 75 2½" TGP P* " TGP P 90 3" TGP P* " * sob consulta JUNTA TRANSIÇÃO PE AÇO ROSCA MACHO BSPT Código 1 2 Código 1 2 TGP BM 20 ½" TGP BM 50 1½" TGP BM 25 ¾" TGP BM 63 2" TGP BM 32 1" TGP BM* TGP BM* 40 1¼" TGP BM 90 3" * sob consulta JUNTA TRANSIÇÃO PE AÇO ROSCA MACHO NPT Código 1 2 Código 1 2 TGP NM 20 ½" TGP NM 50 1½" TGP NM 25 ¾" TGP NM 63 2" TGP NM 32 1" TGP NM* TGP NM* 40 1¼" TGP NM 90 3" * sob consulta 37 V01/04

38 JUNTAS TRANSIÇÃO RISER PE AÇO (PONTA / ROSCA MACHO BSPT / ROSCA MACHO NPT) Material: PE 80 ou PE100 Código: TGMMDDDdddXXR Aço API 5 SCH 40 ou ASTM A53 SCH 40 SDR 11 Revestidas com pintura epóxi alta resistência à corrosão Riser PE x Aço ponta solda Riser PE x Aço rosca macho BSPT ou NPT RISER PE AÇO PONTA SODA Código 1 2 Código 1 2 TGP PR 20 ¾" TGP PR* 50 1½" TGP PR 25 ¾" TGP PR 63 2" TGP PR 32 1" TGP PR* TGP PR* 40 1¼" TGP PR 90 3" RISER PE AÇO ROSCA MACHO BSPT Código 1 2 Código 1 2 TGP BMR 20 ¾" TGP BMR* 50 1½" TGP BMR 25 ¾" TGP BMR 63 2" TGP BMR 32 1" TGP BMR* TGP BMR* 40 1¼" TGP BMR 90 3" RISER PE AÇO ROSCA MACHO NPT Código 1 2 Código 1 2 TGP NMR 20 ¾" TGP NMR* 50 1½" TGP NMR 25 ¾" TGP NMR 63 2" TGP NMR 32 1" TGP NMR* TGP NMR* 40 1¼" TGP NMR 90 3" * sob consulta V01/04 38

39 JUNTAS TRANSIÇÃO TRANSIÇÃO PE ATÃO ROSCA Código: TMMDDDdddXXEE On: T: MM: DDD: ddd: XX: EE: Transição atão P1 PE100 / P8 PE80 Diâmetro Polietileno Diâmetro latão Tipo rosca BM BSPT macho BF BSP fêmea NM NPT macho NF NPT fêmea Conexão na extremida E uva EF C9 Cotovelo 90 EF C4 Cotovelo 45 EF Material: PE 80 ou PE100 atão: iga CA 360 SDR Transição PE x atão rosca macho BSPT ou NPT Transição PE x atão rosca fêmea BSP ou NPT ROSCA MACHO BSPT ROSCA FÊMEA BSP Código 1 2 Código 1 2 TP BM 20 ½" TP BF 20 ½" TP BM 20 ¾" TP BF 20 ¾" TP BM 25 ¾" TP BF 25 ¾" TP BM 32 1" TP BF 32 1" TP BM 63 2" TP BF 63 2" ROSCA MACHO NPT ROSCA FÊMEA NPT Código 1 2 Código 1 2 TP NM 20 ½" TP NF 20 ½" TP NM 20 ¾" TP NF 20 ¾" TP NM 25 ¾" TP NF 25 ¾" TP NM 32 1" TP NF 32 1" TP NM 63 2" TP NF 63 2" V01/04

40 CONEXÕES COMPRESSÃO METÁICAS - PRIMOFIT ADAPTADOR MACHO Código: ADPFDDDdddM Para PE ou Aço BS 1387/DIN 2440/41/42 Material: Ferro maleável galvanizado Pressão trabalho: 16 bar (Ø20 a 63) rosca BSPT - com stiffener interno Código x ADPF020012M 20 ½" ADPF025034M 25 ¾" ADPF032100M 32 1" ADPF040114M 40 1¼" ADPF050112M 50 1½" ADPF063200M 63 2" ADAPTADOR FÊMEA Código: ADPFDDDdddF Para PE ou Aço BS 1387/DIN 2440/41/42 Material: Ferro maleável galvanizado Pressão trabalho: 16 bar (Ø20 a 63) rosca BSP - com stiffener interno Código x ADPF020012F 20 ½" ADPF025034F 25 ¾" ADPF032100F 32 1" ADPF040114F 40 1¼" ADPF050112F 50 1½" ADPF063200F 63 2" UNIÃO Código: UNPFDDD Para PE ou Aço BS 1387/DIN 2440/41/42 Material: Ferro maleável galvanizado Pressão trabalho: 16 bar (Ø20 a 63) - com stiffener interno Código x UNPF ½" UNPF ¾" UNPF " UNPF ¼" UNPF ½" UNPF " CAP Código: ADPFDDDdddF Para PE ou Aço BS 1387/DIN 2440/41/42 Material: Ferro maleável galvanizado Pressão trabalho: 16 bar (Ø20 a 63) - com stiffener interno código x UNPF UNPF UNPF UNPF UNPF UNPF V01/04 40

41 CONEXÕES COMPRESSÃO ADAPTADOR MACHO Código: ADCPDDDdddM Material: PP Pressão trabalho: 16 bar (Ø20 a 63) 10 bar (Ø75 a 110) rosca BSPT Código x Código x ADCP020012M 20 ½" ADCP050114M 50 1¼" 126,5 93 ADCP020100M 20 x ADCP050112M 50 1½" ADCP020034M 20 ¾" ADCP050200M 50 2" ADCP025012M 25 ½" ADCP063112M 63 1½" ADCP025034M 25 ¾" ADCP063200M 63 2" ADCP025100M 25 1" ADCP063212M 63 2½" ADCP032034M 32 ¾" ADCP075200M 75 2" ADCP032100M 32 1" ADCP075212M 75 2½" ADCP032114M 32 1¼" ADCP075300M 75 3" ADCP032112M 32 1½" ADCP090200M 90 2" ADCP040100M 40 1" ,5 ADCP090212M / ADCP040114M 40 1¼" 114,5 81,5 ADCP090300M 90 3" ADCP040112M 40 1½" 114,5 81,5 ADCP090400M 90 4" ADCP040200M 40 x ,5 ADCP110300M 110 3" ADCP050100M 50 1" ADCP110400M 110 4" * somente sob consulta ADAPTADOR MACHO ROSCA ATÃO Código: ADCPDDDdddM Material: PP Pressão trabalho: 16 bar (Ø20 a 63) 10 bar (Ø75 a 110) rosca BSPT inserto latão Código x ADCP020012M 20 ½" ADCP025034M 25 ¾" ADCP025100M 25 1" ADCP032034M 32 ¾" ADCP032100M 32 1" ADCP032114M 32 1¼" ADCP040100M 40 1" ADCP040114M 40 1¼" ADCP050112M 50 1½" ADCP063200M 63 2" * somente sob consulta 41 V01/04

MÓDULO 6 LINHAS ANTI INCÊNDIO. Conexões Mecânicas: NBR 15.803;ISO 14.236; UNI 9561; Módulo 1.3

MÓDULO 6 LINHAS ANTI INCÊNDIO. Conexões Mecânicas: NBR 15.803;ISO 14.236; UNI 9561; Módulo 1.3 MÓDULO 6 LINHAS ANTI INCÊNDIO 1 Normas Aplicáveis Tubos: NBR 15.561; EN 12.201-2; Módulo 1.2 Conexões Soldáveis: NBR 15.593;EN 12.201-3; Módulo 1.3 Diretrizes para Projetos: NBR 15.802; Conexões Mecânicas:

Leia mais

MÓDULO 2 2.3 - CONEXÕES

MÓDULO 2 2.3 - CONEXÕES MÓDULO 2 2.3 - CONEXÕES Os fabricantes e as conexões devem ser pré-qualificados através de certificados de qualificação emitidos por organismos/laboratórios reconhecidos, ou pelo próprio sistema de qualificação

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DOS COMPONENTES DO CRM COM MEDIDOR TIPO DIAFRAGMA (G4, G6, G10 ou G16) Í N D I C E D E R E V I S Õ E S

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DOS COMPONENTES DO CRM COM MEDIDOR TIPO DIAFRAGMA (G4, G6, G10 ou G16) Í N D I C E D E R E V I S Õ E S USUÁRIO: CEGÁS FOLHA: 1 de 5 OBJETO: AMPLIAÇÃO DA REDE DE DISTRIBUIÇÃO DE GÁS NATURAL OBRA. Í N D I C E D E R E V I S Õ E S REV. DESCRIÇÃO E/OU FOLHAS ATINGIDAS 0 A B EMISSÃO PARA APROVAÇÃO ATENDENDO COMENTÁRIOS

Leia mais

E-mail: vendas@unicompbrasil.com.br Site: www.unicompbrasil.com.br

E-mail: vendas@unicompbrasil.com.br Site: www.unicompbrasil.com.br UNICOMP COM. DE EQUIPAMENTOS PNEUMÁTICOS LTDA. Rua Leopoldo de Passos Lima, 238 Jardim Santa Fé. CEP.: 05271-000 São Paulo SP. Telefones: (11) 3911-4665 / 4682 E-mail: vendas@unicompbrasil.com.br Site:

Leia mais

MÓDULO 4 4.5 - PROCEDIMENTOS DE REPARO

MÓDULO 4 4.5 - PROCEDIMENTOS DE REPARO Normas Aplicáveis MÓDULO 4 4.5 - PROCEDIMENTOS DE REPARO - NBR 15.979 Sistemas para Distribuição de Água e Esgoto sob pressão Tubos de polietileno PE 80 e PE 100 Procedimentos de Reparo - NBR 14.461 Sistemas

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME III MATERIAIS DE PVC/PP/PE TOMO XIII FLANGE DE PVC/PP/PE JUNHO/2015 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO

Leia mais

MÓDULO 7 7.3 LINHAS DE AR COMPRIMIDO. As linhas de ar comprimido estão presentes nas mais diversas indústrias e aplicações.

MÓDULO 7 7.3 LINHAS DE AR COMPRIMIDO. As linhas de ar comprimido estão presentes nas mais diversas indústrias e aplicações. MÓDULO 7 7.3 LINHAS DE AR COMPRIMIDO As linhas de ar comprimido estão presentes nas mais diversas indústrias e aplicações. É uma forma de energia bastante importante e única em algumas aplicações, resultando

Leia mais

Apresentação. Apresentação. ltda. PABX: (31) 2535.7762

Apresentação. Apresentação. ltda. PABX: (31) 2535.7762 Apresentação Apresentação Fundada em 2003, a Masterfer é, hoje, uma renomada fornecedora de produtos para saneamento. Prima por possuir um atendimento de forma única e objetiva, o que a credencia apresentar

Leia mais

Conectores / Adaptadores

Conectores / Adaptadores Conectores / Adaptadores Rev.10 1/20 ÍNDICE CONECTORES/ADAPTADORES PARA SOLDA CBW CFSW CW LBW LW TSW UDS UFSW UMSW USW TÓPICO PÁGINAS CBW CONECTOR PARA SOLDA DE TOPO 4 CFSW CONECTOR FÊMEA PARA SOLDA DE

Leia mais

PE 100 / PE100-RC Sistema de tubulação gás e água

PE 100 / PE100-RC Sistema de tubulação gás e água página página PE 100 / PE100-RC Sistema de tubulação gás e água Tubería PE 100 / PE100-RC de gas y agua 5-110 PE-Xa Sistema de tubulação p/gás e água Tubería PE-Xa de gas y agua 111-114 PE 100/4710 Sistema

Leia mais

Validade: Os valores e medidas apresentadas são válidas salvo erro de edição e são sujeitos a alteração sem aviso prévio. Validade dos Preços: salvo

Validade: Os valores e medidas apresentadas são válidas salvo erro de edição e são sujeitos a alteração sem aviso prévio. Validade dos Preços: salvo TUBOS INOX Validade: Os valores e medidas apresentadas são válidas salvo erro de edição e são sujeitos a alteração sem aviso prévio. Validade dos Preços: salvo erro de edição, os preços são válidos para

Leia mais

TUBOS EM AÇO CARBONO COM SOLDA HELICOIDAL CONFORME NORMA NBR 5622

TUBOS EM AÇO CARBONO COM SOLDA HELICOIDAL CONFORME NORMA NBR 5622 TUBOS EM AÇO CARBONO COM SOLDA HELICOIDAL CONFORME NORMA NBR 5622 APRESENTAÇÃO Atuando no mercado desde 1988, a DRAGTEC, empresa conceituada no mercado de tubos, apresenta sua linha de produtos para comercialização,

Leia mais

XXI FENASAN. Saint-Gobain Canalização no Combate às Perdas. Guilherme Luiz Drehmer. 10 de Agosto de 2010

XXI FENASAN. Saint-Gobain Canalização no Combate às Perdas. Guilherme Luiz Drehmer. 10 de Agosto de 2010 XXI FENASAN Saint-Gobain Canalização no Combate às Perdas Guilherme Luiz Drehmer 10 de Agosto de 2010 Perdas não físicas Perdas físicas Produtos Saint-Gobain para a eliminação das perdas físicas Válvula

Leia mais

MÓDULO 4 4.8.2 - PROCEDIMENTOS DE TESTES DE ESTANQUEIDADE PARA LINHAS DE POLIETILENO PARAGASES E AR COMPRIMIDO

MÓDULO 4 4.8.2 - PROCEDIMENTOS DE TESTES DE ESTANQUEIDADE PARA LINHAS DE POLIETILENO PARAGASES E AR COMPRIMIDO MÓDULO 4 4.8.2 - PROCEDIMENTOS DE TESTES DE ESTANQUEIDADE PARA LINHAS DE POLIETILENO PARAGASES E AR COMPRIMIDO Normas Aplicáveis - NBR 14.462 Sistemas para Distribuição de Gás Combustível para Redes Enterradas

Leia mais

Worldval Válvulas e Acessórios Industriais Ltda.

Worldval Válvulas e Acessórios Industriais Ltda. Informações gerais: Worldval Válvulas e Acessórios Industriais Ltda. Fábrica: Fone/Fax: Site : E-mail : Data da Fundação: Rua: Amélio Koga, / - Vila Invernada São Paulo - SP. (0) - worldval@worldval.com.br

Leia mais

dmtech Booster Amplificador de Volume Descrição Características

dmtech Booster Amplificador de Volume Descrição Características Booster Amplificador de Volume Descrição O Booster - Amplificador de volume - tem como função reproduzir sinais pneumáticos com aumento da capacidade de vazão. É utilizado quando a tubulação entre o instrumento

Leia mais

Power Pipe Line. Redes de Ar Comprimido

Power Pipe Line. Redes de Ar Comprimido Power Pipe Line Redes de Ar Comprimido Power Pipe Line - PPL - é um novo sistema de tubulação de encaixe rápido projetado para todo tipo de planta de ar comprimido, bem como para outros fluidos, gases

Leia mais

companhia de saneamento básico do estado de são paulo - sabesp

companhia de saneamento básico do estado de são paulo - sabesp 1 04.0720.0138.1 TE FF DUCTIL TRIPARTIDO C/VEDACAO BORRACHA/SAIDA C/FLANGE DN 300 X 150 - FL PN 10/16-400 MM (COMP. MINIMO) CONSTRUCAO: SEGMENTOS INTEIRICOS, DO MESMO MATERIAL, ACOPLADOS ENTRE SI POR PARAFUSOS

Leia mais

MATERIAIS 033453 00. 16 de Janeiro de 2013. Este CRCC substitui e cancela os anteriores. 04 de Janeiro de 2014 52.512.837/0001-13

MATERIAIS 033453 00. 16 de Janeiro de 2013. Este CRCC substitui e cancela os anteriores. 04 de Janeiro de 2014 52.512.837/0001-13 CERTIFICAMOS que a empresa acima identificada encontra-se regularmente inscrita no Cadastro de Fornecedores de Materiais e/ou Serviços da PETROBRAS e habilitada para as especialidades indicadas conforme

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES Válvula de agulha Conexão roscada segundo. Asme b1 20.1 (NPT) Din 2.999 & Bs 21 Iso 228/1 & Iso 7/1 6000 Psi Padrão Fire-Safe.

ESPECIFICAÇÕES Válvula de agulha Conexão roscada segundo. Asme b1 20.1 (NPT) Din 2.999 & Bs 21 Iso 228/1 & Iso 7/1 6000 Psi Padrão Fire-Safe. 01/66 FIG.Nº.:AG-01 Bitola 1/8 á 1. Válvula de agulha Conexão roscada segundo. Asme b1 20.1 (NPT) Din 2.999 & Bs 21 Iso 228/1 & Iso 7/1 6000 Psi Padrão Fire-Safe. Nº NOMES DAS PARTES CONSTRUÇÃO 01 TRAVA

Leia mais

Sistema de condução para redes de ar comprimido, com união por termofusão. A revolução em sistema de condução para redes de ar comprimido

Sistema de condução para redes de ar comprimido, com união por termofusão. A revolução em sistema de condução para redes de ar comprimido Sistema de condução para redes de ar comprimido, com união por termofusão. A revolução em sistema de condução para redes de ar comprimido MEMBRO A tecnologia e segurança do PP-R, agora também para redes

Leia mais

MÓDULO 1 1.2 - DESIGNAÇÕES E DIMENSÕES DE TUBOS POLIOLEFÍNICOS

MÓDULO 1 1.2 - DESIGNAÇÕES E DIMENSÕES DE TUBOS POLIOLEFÍNICOS MÓDULO 1 1.2 - SIGNAÇÕES E DIMENSÕES TUBOS POLIOLEFÍNICOS A escolha do material da tubulação deve contemplar fatores como: Resistência físico-química ao fluido e ambiente; Resistência à Temperatura na

Leia mais

LINHA COMPLETA DE CONEXÕES E APARELHOS EM FERRO FUNDIDO DÚCTIL PARA SANEAMENTO BÁSICO, CONFORME NORMAS DA ABNT FONTE DE QUALIDADE EM SANEAMENTO BÁSICO

LINHA COMPLETA DE CONEXÕES E APARELHOS EM FERRO FUNDIDO DÚCTIL PARA SANEAMENTO BÁSICO, CONFORME NORMAS DA ABNT FONTE DE QUALIDADE EM SANEAMENTO BÁSICO LINHA COMPLETA DE CONEXÕES E APARELHOS EM FERRO FUNDIDO DÚCTIL PARA SANEAMENTO BÁSICO, CONFORME NORMAS DA ABNT FONTE DE QUALIDADE EM SANEAMENTO BÁSICO w w w. h d s b r a s i l n e. c o m. b r ADAPTADOR

Leia mais

Hidráulica de Linhas pressurizadas. FEAGRI/UNICAMP - 2014 Prof. Roberto Testezlaf

Hidráulica de Linhas pressurizadas. FEAGRI/UNICAMP - 2014 Prof. Roberto Testezlaf Hidráulica de Linhas pressurizadas Parte 1 - Tubulações FEAGRI/UNICAMP - 2014 Prof. Roberto Testezlaf Tubulações A qualidade e integridade de instalação depende: Escolha do material e do diâmetro adequado

Leia mais

E-mail: vendas@bratal.com.br

E-mail: vendas@bratal.com.br :: Indice Geral :: C 0 Conexões para Tubos Flangeados 03 Conexões 304 Engates Rápidos 404 Registros e Válvulas 503 Mangueiras e Terminais para Tubos Flangeados 504 Mangueiras e Terminais 603 Tubos CENTRAL

Leia mais

CADERNO DE MOBILIÁRIO EXTERNO FÓRUM CÍVEL DO TJ-GO

CADERNO DE MOBILIÁRIO EXTERNO FÓRUM CÍVEL DO TJ-GO ESTADO DE GOIÁS PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DIRETORIA DOS SETORES DE OBRAS, SERVIÇOS, RECURSOS MATERIAIS E PROJETOS ESPECIAIS COMISSÃO TÉCNICA DE AVALIAÇÃO DE AMOSTRAS CADERNO DE MOBILIÁRIO EXTERNO

Leia mais

4.1 Tubo Coletor de Esgoto Kanasan Ocre

4.1 Tubo Coletor de Esgoto Kanasan Ocre 4.1 Tubo Coletor de Esgoto Kanasan Ocre O Kanasan é um tubo corrugado de dupla parede, fabricado em Polietileno de Alta Densidade (PEAD), semi rígido, anelado externamente e liso internamente (Figura 1,

Leia mais

vendas1@juntasamf.com.br

vendas1@juntasamf.com.br À Sr( a) Ref.: Apresentação para Cadastro de Fornecedor Prezados Senhores, Vimos através desta, apresentar a Juntas AMF Ind. e Com. de Peças Ltda., uma empresa que já se tornou referencia no mercado de

Leia mais

CATÁLOGO TÉCNICO VÁLVULAS E FILTROS INDUSTRIAIS PRODUTOS COM QUALIDADE E SEGURANÇA

CATÁLOGO TÉCNICO VÁLVULAS E FILTROS INDUSTRIAIS PRODUTOS COM QUALIDADE E SEGURANÇA CATÁLOGO TÉCNICO S E FILTROS INDUSTRIAIS PRODUTOS COM QUALIDADE E SEGURANÇA ÍNDICE S FIG. PÁG. Gaveta HA FoFo FLG ANSI - 125# - V.B. 10 1 Gaveta HA FoFo FLG ANSI - 125# - V.I. 11 2 Gaveta HA WCB FLG ASME

Leia mais

A t é 5 0 0 m m c a- TUPY OU SIMILAR/ CLASSE 10- ISO R-7 ABNT PO14 DIN 2999 (BSP)

A t é 5 0 0 m m c a- TUPY OU SIMILAR/ CLASSE 10- ISO R-7 ABNT PO14 DIN 2999 (BSP) GÁS COMBUSTÍVEL 9 --------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------- 9. GÁS COMBUSTÍVEL Todos os materiais e forma de instalação

Leia mais

TUBOS DE PROTEÇÃO TUBOS DE PROTEÇÃO

TUBOS DE PROTEÇÃO TUBOS DE PROTEÇÃO TUBOS METÁLICOS São feitos em metal (normalmente aço inox), fechado em uma das extremidades através de solda ou caldeamento, e, quase sempre rosqueado na outra parte e fixo ao. TUBOS CERÂMICOS São muito

Leia mais

CATÁLOGO 800035-A Observações sobre as fichas técnicas

CATÁLOGO 800035-A Observações sobre as fichas técnicas CATÁLOGO 800035-A sobre as fichas técnicas Os dados constantes nas fichas técnicas a seguir podem sofrer alterações sem prévio aviso. Alguns modelos possuem pequenas alterações em seus projetos construtivos,

Leia mais

Função: Conduzir água à temperatura ambiente nas instalações prediais de água fria; Aplicações: Instalações prediais em geral.

Função: Conduzir água à temperatura ambiente nas instalações prediais de água fria; Aplicações: Instalações prediais em geral. Função: Conduzir água à temperatura ambiente nas instalações prediais de água fria; Aplicações: Instalações prediais em geral. SETEMBRO/2011 Bitolas: 20, 25, 32, 40,50,60, 75, 85, 110 milímetros; Pressão

Leia mais

MATERIAIS EMPREGADOS NAS REDES DE ESGOTOS SANITÁRIOS

MATERIAIS EMPREGADOS NAS REDES DE ESGOTOS SANITÁRIOS MATERIAIS EMPREGADOS NAS REDES DE ESGOTOS SANITÁRIOS 1 - INTRODUÇÃO. A escolha do material a empregar (tipo de tubulação) nas redes coletoras de esgotos sanitários é função das características dos esgotos,

Leia mais

PROJETO EXECUTIVO MEMORIAL DESCRITIVO

PROJETO EXECUTIVO MEMORIAL DESCRITIVO PROJETO EXECUTIVO MEMORIAL DESCRITIVO DAS INSTALAÇÕES HIDRÁULICAS DO RESTAURANTE E VESTIÁRIOS Rev. 0: 09/01/13 1. INTRODUÇÃO Este memorial visa descrever os serviços e especificar os materiais do projeto

Leia mais

Catálogo Técnico VÁLVULAS INDUSTRIAIS

Catálogo Técnico VÁLVULAS INDUSTRIAIS Catálogo Técnico VÁLVULAS INDUSTRIAIS VÁLVULA FERRO CLASSE GAVETA FUNDIDO 15 Válvula gaveta em ferro fundido ASTM A 16 B; classe 15 lbs; haste ascendente com rosca trapezoidal externa e castelo aparafusado

Leia mais

Sistema de tubulação multicamada para instalação de gases combustíveis PExb X AL X PExb.

Sistema de tubulação multicamada para instalação de gases combustíveis PExb X AL X PExb. Sistema de tubulação multicamada para instalação de gases combustíveis PExb AL PExb. MEMBRO Sistema de tubulações multicamadas para instalações de gases combustíveis Conforme com as Normas 1. Após cortar

Leia mais

Megabloc Manual Técnico

Megabloc Manual Técnico Bomba Padronizada Monobloco Manual Técnico Ficha técnica Manual Técnico Todos os direitos reservados. Os conteúdos não podem ser divulgados, reproduzidos, editados nem transmitidos a terceiros sem autorização

Leia mais

ÍNDICE GERAL DA TABELA DE AÇO

ÍNDICE GERAL DA TABELA DE AÇO ÍNDICE GERAL DA TABELA DE AÇO Tubo e Acessórios em Aço Carbono DIN 1 Tubo e Acessórios em Aço Carbono STD... 3 Válvulas Esfera FF / Aço Carbono / Aço Inox. 5 Junta Expansão Filtros em Aço / Válvulas para

Leia mais

Válvulas Criogênicas. Guia de Produtos - 2011. www.qualitecinstrumentos.com.br

Válvulas Criogênicas. Guia de Produtos - 2011. www.qualitecinstrumentos.com.br Válvulas Criogênicas Guia de Produtos - 2011 Linha de Produtos Válvulas de Segurança Industriais Fluído: Gases, vapores, fluidos e refrigerantes Diâmetro: 1/4 até 2 Temperatura: -50 C (-58 F)... +225 C

Leia mais

Conexões Flangeadas SAE Balfit

Conexões Flangeadas SAE Balfit Conexões Flangeadas SAE Balfit Flanges SAE Balfit A gama de conexões flangeadas Balfit é produzida segundo especificações Balflex e de acordo com as normas ISO 6162, SAE J516 / J518 e outras. Cobre uma

Leia mais

Apresentação. A Aceflan Acessórios Industriais Ltda. é uma empresa com mais de 20 anos no

Apresentação. A Aceflan Acessórios Industriais Ltda. é uma empresa com mais de 20 anos no Apresentação A Aceflan Acessórios Industriais Ltda. é uma empresa com mais de 20 anos no mercado, sempre atuando no segmento de acessórios para tubulação, tais como: Curvas, Tês, Flanges, Reduções, Válvulas,

Leia mais

Selo diafragma com conexão flangeada Com diafragma faceado ao processo Modelo 990.27

Selo diafragma com conexão flangeada Com diafragma faceado ao processo Modelo 990.27 Selo diafragma Selo diafragma com conexão flangeada Com diafragma faceado ao processo Modelo 990.27 WIKA Folha técnica DS 99.27 Outras aprovações veja página 3 Aplicações Indústria de processos químicos

Leia mais

MANUAL TÉCNICO Amanco Ramalfort

MANUAL TÉCNICO Amanco Ramalfort Amanco Ramalfort Desenho e Dimensões Os tubos Amanco Ramalfort foram desenvolvidos para condução de água no trecho compreendido entre o ponto de derivação da rede de distribuição de água e o kit cavalete

Leia mais

Produto: Sistema de distribuição. Geberit PushFit. Outubro 2009

Produto: Sistema de distribuição. Geberit PushFit. Outubro 2009 FICHA TÉCNICA Produto: Sistema de distribuição Data: Geberit PushFit Outubro 2009 Identificação do Sistema Descrição O sistema Geberit PushFit é constituído por: - Tubos s, fornecidos em 3 tipos: Com manga

Leia mais

VÁLVULAS INDUSTRIAIS

VÁLVULAS INDUSTRIAIS VÁLVULAS DE BRONZE VÁLVULAS INDUSTRIAIS Haste Não Ascendente Fig. 601/602 Haste Não Ascendente Fig. 600 Haste Ascendente Fig. 603 Tampa roscada externamente ao corpo até 3 na medida de 4 Corpo, tampa e

Leia mais

kymanual ou automática a escolha é sua

kymanual ou automática a escolha é sua . kymanual ou automática a escolha é sua Válvula borboleta LKB automática ou manual Aplicação ALKBéumaválvulaborboletasanitáriaacionadamanualou automaticamente para uso em sistemas com tubulações em aço

Leia mais

Norma Técnica SABESP NTS 189

Norma Técnica SABESP NTS 189 Norma Técnica SABESP NTS 189 Projeto de redes de distribuição em PE 80, adutoras e linhas de esgotos em polietileno PE 80 ou PE 100. Especificação São Paulo Junho 2013: Revisão 1 NTS 189: 2013 Norma Técnica

Leia mais

AULA 2 CONTEÚDO: Capítulo 3. Capítulo 5. Capítulo 6. Volume I do Livro Texto. Meios de Ligação de Tubos. Conexões de Tubulação. Juntas de Expansão

AULA 2 CONTEÚDO: Capítulo 3. Capítulo 5. Capítulo 6. Volume I do Livro Texto. Meios de Ligação de Tubos. Conexões de Tubulação. Juntas de Expansão AULA 2 Volume I do Livro Texto CONTEÚDO: Capítulo 3 Capítulo 5 Capítulo 6 Meios de Ligação de Tubos. Conexões de Tubulação. Juntas de Expansão 1 MEIOS DE LIGAÇÃO DE TUBOS PRINCIPAIS MEIOS LIGAÇÕES ROSQUEADAS

Leia mais

CATÁLOGO DE PRODUTOS. Rua Des. Antonio de Paula, 848 Boqueirão Curitiba PR acossulnorte@acossulnorte.com.br www.acossulnorte.com.

CATÁLOGO DE PRODUTOS. Rua Des. Antonio de Paula, 848 Boqueirão Curitiba PR acossulnorte@acossulnorte.com.br www.acossulnorte.com. F o n e : ( 4 1 ) 3 0 9 1-6 9 0 0 Rua Des. Antonio de Paula 848 Boqueirão Curitiba PR acossulnorte@acossulnorte.com.br w w w. a c o s s u l n o r t e. c o m. b r CATÁLOGO DE PRODUTOS MATRIZ BARRAS CANTONEIRAS

Leia mais

CONEXÕES FLANGES VÁLVULAS JUNTAS DE EXPANSÃO INSTRUMENTAÇÃO. catálogo

CONEXÕES FLANGES VÁLVULAS JUNTAS DE EXPANSÃO INSTRUMENTAÇÃO. catálogo CONEXÕES FLANGES VÁLVULAS JUNTAS DE EXPANSÃO INSTRUMENTAÇÃO catálogo Válvulas de Ferro e Aço Válvulas de Bronze Tipos: Agulha Alívio Angular Borboleta Descarga de Caldeira Diafragma Esfera Gaveta Globo

Leia mais

Í N D I C E D E R E V I S Õ E S

Í N D I C E D E R E V I S Õ E S USUÁRIO: CEGÁS 1 de 4 OBJETO: AMPLIAÇÃO DA RE DISTRIBUIÇÃO GÁS NATURAL RAMAL DISTRIBUIÇÃO PARA ATENDIMENTO A CLIENTES MATERIAL TUBULAÇÃO EM AÇO CARBONO PARA GASODUTO DISTRIBUIÇÃO E INSTALAÇÕES INDUSTRIAIS

Leia mais

CONEXÕES PARA ÁGUA FRIA EM PVC

CONEXÕES PARA ÁGUA FRIA EM PVC CONEXÕES PARA ÁGUA FRIA EM PVC Tubos e Conexões de PVC, para Água Fria, com Junta Soldável Norma Regulamentadora: ABNT NBR 5648 / jan 1999. Campo de Aplicação: Sistemas Prediais, condominiais e pequenas

Leia mais

Histórico. Conesteel Válvulas Industriais Ltda Fone: (11) 2910.1444 www.conesteel.com.br І vendas@conesteel.com.br

Histórico. Conesteel Válvulas Industriais Ltda Fone: (11) 2910.1444 www.conesteel.com.br І vendas@conesteel.com.br Histórico A CONESTEEL foi fundada em 1986, inicialmente como fabricante de conexões e após alguns anos iniciou a fabricação de válvulas forjadas. Seu quadro diretor é formado por profissionais com experiência

Leia mais

LATERAIS E ADUTORAS MATERIAIS EMPREGADOS EM TUBULAÇÕES

LATERAIS E ADUTORAS MATERIAIS EMPREGADOS EM TUBULAÇÕES LATERAIS E ADUTORAS Uma tubulação em irrigação pode, conforme a finalidade, ser designada como adutora, ramal ou lateral. A adutora é aquela tubulação que vai da bomba até a área a ser irrigada. Normalmente

Leia mais

NBR 8417 TUBO PEAD PE80 RAMAL PRED 50M 4776 RL 20X2,3MM. NCM - 39172100. DTC - 4776. Código 1 - Tubo PEAD Amanco 119,35 0,00

NBR 8417 TUBO PEAD PE80 RAMAL PRED 50M 4776 RL 20X2,3MM. NCM - 39172100. DTC - 4776. Código 1 - Tubo PEAD Amanco 119,35 0,00 NBR 8417 TUBO PEAD PE80 RAMAL PRED 100M 793 RL 20X2,3MM. NCM - 39172100. DTC - 793. Código 1 - Tubo PEAD Tigre 236,97 0,00 fabricante10101433 794 RL NBR 8417 TUBO PEAD PE80 RAMAL PRED 100M 32X 3,0. NCM

Leia mais

LISTAS DE MATERIAIS 4

LISTAS DE MATERIAIS 4 C:\DOCUMENTS AND SETTINGS\MAISA.SENHA\DESKTOP\SAA\04 LISTA DE MATERIAIS.DOC 4 CONTROLE INTERNO Data JAN/08 Nº Folhas 51 Folhas Rev. Responsável Daniela Verificação Aprovação Histórico Revisão 0 1 2 3 4

Leia mais

Série: FBME MANUAL TÉCNICO BOMBA CENTRÍFUGA MULTIESTÁGIO FBME. Aplicação

Série: FBME MANUAL TÉCNICO BOMBA CENTRÍFUGA MULTIESTÁGIO FBME. Aplicação MANUAL TÉCNICO Série: FBME Aplicação Desenvolvida para trabalhar com líquidos limpos ou turvos, em inúmeras aplicações, tais como indústrias químicas, petroquímicas, papel, polpa, siderúrgica, mineração,

Leia mais

MATERIAIS, EQUIPAMENTOS E ACESSÓRIOS

MATERIAIS, EQUIPAMENTOS E ACESSÓRIOS 6 MATERIAIS, EQUIPAMENTOS E ACESSÓRIOS Versão 2014 Data: Abril / 2014 6.1. Tubos e Conexões... 6.3 6.1.1. Sistema em aço... 6.3 6.1.1.1. Tubos... 6.3 6.1.1.2. Conexões... 6.3 6.1.2. Sistema em cobre rígido...

Leia mais

Balfit Válvulas Hidráulicas

Balfit Válvulas Hidráulicas Válvulas Hidráulicas Balfit Balfit Válvulas Hidráulicas As válvulas hidráulicas Balfit foram concebidas para uso com conexões hidráulicas Balfit e mangueiras hidráulicas Balflex em circuitos hidráulicos

Leia mais

Válvulas Industriais

Válvulas Industriais Válvulas de Bronze Válvulas Industriais Haste Não Ascendente Fig. 601/602 Tampa roscada externamente ao corpo na medida de 4 Corpo, tampa e cunha: Bronze (Fig. 601) Haste: Bronze (Fig. 602) Haste Não Ascendente

Leia mais

TIG 18, 18V &18F. TIG 350AMP - Resfriada a Água. Dados Técnicos TECNOLOGIA PARA O MUNDO DOS SOLDADORES. www.binzel-abicor.com.br

TIG 18, 18V &18F. TIG 350AMP - Resfriada a Água. Dados Técnicos TECNOLOGIA PARA O MUNDO DOS SOLDADORES. www.binzel-abicor.com.br TIG 18, 18V &18F TIG 350AMP - Resfriada a Água Dados Técnicos Série: Capacidade: Eletrodos: Diâmetro do Corpo: Diâmetro do Corpo Com Capa Curta: Com Capa Longa: Ângulo do Corpo: Peso Corpo e Punho: 18,

Leia mais

TC501 componentes. Cabeçote de conexão tipo B

TC501 componentes. Cabeçote de conexão tipo B TE 65.30 Termopares Modelo reto com inserto de medição substituível Medição Eletrônica de Temperatura para medição de gás de combustão Modelo TC 501 Aplicações - altos fornos, aquecedores de ar - processos

Leia mais

Junta Universal Ve DN 100 ao DN 1000 Tubos classe K9

Junta Universal Ve DN 100 ao DN 1000 Tubos classe K9 Tubos classe K9 colar de proteção da bolsa em elastômero cordão de solda anel de trava em ferro dúctil colar de proteção metálico anel JE2GS Acessórios Junta elástica e travamento metálico anel JE2GS

Leia mais

Catálogo Técnico. www.novema.com.br

Catálogo Técnico. www.novema.com.br Catálogo Técnico 2014 www.novema.com.br ÍNDICE VÁLVULAS: Fig. Pág. Gaveta HA FoFo FLG ANSI 125 LBS VB NVM 01 F 04 Gaveta HA FoFo FLG ANSI 125 LBS VI NVM 02 F 05 Gaveta HA WCB FLG ANSI 150 LBS NVM 03 06

Leia mais

VÁLVULAS DE ZONA DE ESFERA MOTORIZADAS

VÁLVULAS DE ZONA DE ESFERA MOTORIZADAS 4 ÁLULAS DE ZONA DE ESFERA MOTORIZADAS 64600 646004 30 (±0%) 4 (±0%) 6460 cat. 00 Servocomando para válvulas de zona de esfera série 6470, 6480 e 6489. Alimentação: 30 (ac) ou 4 (ac). Consumo: 4 A. Corrente

Leia mais

Certificado de Registro e Classificação Cadastral - CRCC

Certificado de Registro e Classificação Cadastral - CRCC Não substitui comprovação da qualificação técnico - profissional. CERTIFICAMOS que a empresa acima identificada encontra-se regularmente inscrita no Cadastro de es de Materiais e/ou Serviços da PETROBRAS

Leia mais

Normas Atendidas. Tubos de aço carbono, sem costura, trefilados a frio, para permutadores de calor ou condensadores.

Normas Atendidas. Tubos de aço carbono, sem costura, trefilados a frio, para permutadores de calor ou condensadores. 4 Empresa Certificada ISO 9001 Distribuição de Tubos em Aço Carbono Tubos sem Costura Tubos de aço sem costura são utilizados em aplicações como cilindros hidráulicos, componentes de transmissão, oleodutos,

Leia mais

Grupo 30.24 - Material hidráulico

Grupo 30.24 - Material hidráulico O catálogo do grupo 30.24 contém as especificações de material hidráulico. Os itens que estão destacados com a mesma coloração significam que possuem a mesma descrição, no entanto, possuem diferentes unidades

Leia mais

V Á L V U L A S SÉRIE 2700

V Á L V U L A S SÉRIE 2700 V Á L V U L A S SÉRIE 2700 Válvulas de agulha compactas de alta confiabilidade e versatilidade para controle de processos e uso geral na indústria. As modernas válvulas de agulha Série 2700 da Detroit

Leia mais

Painel com disjuntores

Painel com disjuntores Painel com disjuntores AR63 A prova de tempo e jatos potentes d água Características Construtivas Painel de distribuição, alimentação, proteção, etc. montado em invólucros fabricados em liga de alumínio

Leia mais

Tubos são condutos fechados, destinados ao transporte de fluidos.

Tubos são condutos fechados, destinados ao transporte de fluidos. Tubulações Tubos são condutos fechados, destinados ao transporte de fluidos. Tubulação é conjunto de tubos e seus diversos acessórios(curvas, tês, reduções, flanges, luvas, junta de expansão, válvulas,

Leia mais

VÁLVULA ESFERA MONOBLOCO LATÃO FORJADO

VÁLVULA ESFERA MONOBLOCO LATÃO FORJADO VÁLVULA MONOBLOCO LATÃO FORJADO A Válvula de Esfera Monobloco GBR, possue corpo e peça única, oferecendo segurança absoluta com vedação estanque. São construídas em latão forjado, conforme DIN 17.660,

Leia mais

Válvula Globo de Assento Angular, Metálica

Válvula Globo de Assento Angular, Metálica Válvula Globo de Assento Angular, Metálica Construção A válvula GEMÜ de / vias, acionada pneumaticamente, possui um atuador pneumático de pistão em termoplástico. Dependendo do tamanho e do modelo, a vedação

Leia mais

MÓDULO 5 5.1 - REDES E RAMAIS DE ÁGUA. Tubos: NBR 15.561; NBR8417; NTS 048; NTS 194; EN 12.201-22. Conexões Soldáveis: NBR 15.593;NTS 193; EN 12.

MÓDULO 5 5.1 - REDES E RAMAIS DE ÁGUA. Tubos: NBR 15.561; NBR8417; NTS 048; NTS 194; EN 12.201-22. Conexões Soldáveis: NBR 15.593;NTS 193; EN 12. MANUAL DE BOAS PRÁTICAS ABPE MÓDULO 5 5.1 REDES E RAMAIS DE ÁGUA 1 Normas Aplicáveis Tubos: NBR 15.561; NBR8417; NTS 048; NTS 194; EN 12.20122 Conexões Soldáveis: NBR 15.593;NTS 193; EN 12. Diretrizes

Leia mais

Manual de Instruções de Operação e Manutenção Monitor de Posição

Manual de Instruções de Operação e Manutenção Monitor de Posição Manual de Instruções de Operação e Manutenção Monitor de Posição 1. INFORMAÇÕES GERAIS... 3 2. ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS... 3 3. DESENHO DIMENSIONAL... 4 4. INSTALAÇÃO... 5 4.1 MONTAGEM EM ATUADOR ROTATIVO...

Leia mais

Conexões Tupy (11) Conexões BSP. Linha BSP - Conexões de Ferro Maleável aplicadas na condução de líquidos, gases e vapores

Conexões Tupy (11) Conexões BSP. Linha BSP - Conexões de Ferro Maleável aplicadas na condução de líquidos, gases e vapores 10 Conexões BSP As informações técnicas estão sujeitas a alterações sem aviso prévio de acordo com o fabricante. Conforme ABNT - NBR 6943, ISO 49 e EN 10242 Pressões de Teste Temperatura ºC à 120 à 300

Leia mais

SUMÁRIO TUBOS DE COBRE...

SUMÁRIO TUBOS DE COBRE... SUMÁRIO TUBOS DE COBRE... 02 CONEXÕES... Soldáveis e Rosqueáveis 03-08 ACESSÓRIOS PARA INSTALAÇÃO... Fluxo para Solda - Liga para Solda - Isolamento Térmico - Escova para Limpeza 09-10 01/10 TERMOTUBO

Leia mais

BOMBA DE ENGRENAGENS EXTERNAS FBE

BOMBA DE ENGRENAGENS EXTERNAS FBE MANUAL TÉCNICO Série: FBE Aplicação Desenvolvida para trabalhar com fluidos viscosos, em inúmeras aplicações, tais como indústrias químicas, petroquímicas, papel, polpa, siderúrgica, mineração, alimentícia,

Leia mais

Válvula de Governo e Alarme 2.1/2 e 3

Válvula de Governo e Alarme 2.1/2 e 3 DESCRIÇÃO: A Válvula de Alarme Modelo E atua como um dispositivo de alarme de fluxo de água em sistemas espargidores de tubo úmido. O projeto permite instalação sob condições de fornecimento de pressão

Leia mais

isto é Magnet! 50 anos priorizando a qualidade,

isto é Magnet! 50 anos priorizando a qualidade, Catálogo 2012 50 anos priorizando a qualidade, isto é Magnet! Em 2012, a Magnet completa 50 anos de atividades, história que começou com a sua fundação, em 1962, na cidade de São Paulo, com uma produção,

Leia mais

FIPAI Fundação para o Incremento da Pesquisa e do Aperfeiçoamento Industrial Tomada de Preço nº. 003/2013 Processo Finep nº 01.09.0563.

FIPAI Fundação para o Incremento da Pesquisa e do Aperfeiçoamento Industrial Tomada de Preço nº. 003/2013 Processo Finep nº 01.09.0563. ESPECIFICAÇÕES DOS EQUIPAMENTOS LOTE 01 Especificar Sistema de Geração de Ar Comprimido, incluindo compressor, secador por adsorção e filtros coalescentes Diagrama Pneumático. Confirmar detalhes com equipe

Leia mais

CONEXÕES, ADAPTADORES PARA ALTA PRESSÃO

CONEXÕES, ADAPTADORES PARA ALTA PRESSÃO HIDRÁULICA DE ALTA PRESSÃO CONEXÕES, ADAPTADORES PARA ALTA PRESSÃO Linhas MP, HP, JIC, Engates Rápidos e Kits de Mangueiras Termoplásticas para Alta Pressão www.cejnbrasil.com.br Linha de Produtos CEJN

Leia mais

Política da Qualidade da Canoliva:

Política da Qualidade da Canoliva: catálogo geral A CANOLIVA é uma empresa que comercializa todo o tipo de mercadoria para águas residuais, pluviais e potáveis que estejam de acordo com as normas e regulamentos aplicáveis. Política da Qualidade

Leia mais

Índice. Página INFORMAÇÕES TÉCNICAS 2 -- 3 CONEXÕES PARA TUBOS FLANGEADOS A 37º

Índice. Página INFORMAÇÕES TÉCNICAS 2 -- 3 CONEXÕES PARA TUBOS FLANGEADOS A 37º Índice Página Ref. Página INFORMAÇÕES TÉCNICAS CONEXÕES PARA TUOS FANGEADOS A 37º Sede 37º para tubo flangeado / macho NPT Sede 37º para tubo flangeado / fêmea NPT Sede 37º para tubo flangeado / Sede 37º

Leia mais

A Hidrodema oferece uma linha completa de tubos conexões e válvulas para condução e controle de água, gás, ar-comprimido, vapor e fluídos químico.

A Hidrodema oferece uma linha completa de tubos conexões e válvulas para condução e controle de água, gás, ar-comprimido, vapor e fluídos químico. PRODUTOS Produtos A Hidrodema oferece uma linha completa de tubos conexões e válvulas para condução e controle de água, gás, ar-comprimido, vapor e fluídos químico. Distribuidor autorizado - Linha CPVC

Leia mais

Certificado de Registro e Classificação Cadastral - CRCC

Certificado de Registro e Classificação Cadastral - CRCC CERTIFICAMOS que a empresa acima identificada encontra-se regularmente inscrita no Cadastro de es de Materiais e/ou Serviços da PETROBRAS e habilitada para as especialidades indicadas conforme relação

Leia mais

SISTEMA ECO PIPE ALCANCE GLOBAL, SOLUÇÕES ESPECÍFICAS

SISTEMA ECO PIPE ALCANCE GLOBAL, SOLUÇÕES ESPECÍFICAS SISTEMA ECO PIPE ALCANCE GLOBAL, SOLUÇÕES ESPECÍFICAS Características técnicas: Temperatura trabalho: - C a +70 C Pressão de trabalho: -0,13 a 13 bar Material: Tubo de alumínio estrudado sem costura, passagem

Leia mais

Catálogo Airnet. www.airnet-system.com. rápido simples confiável

Catálogo Airnet. www.airnet-system.com. rápido simples confiável Catálogo Airnet www.airnet-system.com rápido simples confiável ÍNDICE Informação geral...1-2 Tubagem...3 Tubos...3 Conexões... 4- Ligação reta...4 Curva...4 T...5 Válvulas...6 Baixada...7 Conexões de transição...8

Leia mais

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE LAGES ESTADO DE SANTA CATARINA SECRETARIA DA ADMINISTRAÇÃO EXECUTIVO DE LICITAÇÕES E CONTRATOS RERRATIFICAÇÃO II

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE LAGES ESTADO DE SANTA CATARINA SECRETARIA DA ADMINISTRAÇÃO EXECUTIVO DE LICITAÇÕES E CONTRATOS RERRATIFICAÇÃO II 1 PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE LAGES ESTADO DE SANTA CATARINA SECRETARIA DA ADMINISTRAÇÃO EXECUTIVO DE LICITAÇÕES E CONTRATOS RERRATIFICAÇÃO II Lages, 26 de fevereiro de 2015. ASSUNTO: EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL

Leia mais

VÁLVULAS MANIFOLD MANIFOLD 3 VIAS MANIFOLD 5 VIAS

VÁLVULAS MANIFOLD MANIFOLD 3 VIAS MANIFOLD 5 VIAS MANIFOLD As válvulas Manifold, produzidas pela Detroit, foram desenvolvidas e dimensionadas para tornar uma tubulação de instrumentos de diferencial de pressão mais simples, mais segura e mais confiável.

Leia mais

VÁLVULAS SISTEMAS DA QUALIDADE E AMBIENTAL CERTIFICADOS CONFORME ISO 9001:2000, ISO/TS 16949:2002 E ISO 14001:2004

VÁLVULAS SISTEMAS DA QUALIDADE E AMBIENTAL CERTIFICADOS CONFORME ISO 9001:2000, ISO/TS 16949:2002 E ISO 14001:2004 VÁLVULAS ÍNDICE Válvulas de agulha Série 2700... 02 Válvulas Manifold Série 2700... 08 Manifold 2 Vias... 10 Manifold 3 Vias... 13 Suporte para Manifold de 3 Vias... 16 Válvulas miniatura Série 1800...

Leia mais

DISTRIBUIDOR - REPRESENTANTE

DISTRIBUIDOR - REPRESENTANTE PRODUTO: SEL-SV-U0-O21- K4 FOLHA TÉCNICA 1/5 1. CERTIFICAÇÕES DA SELCON 2. APLICAÇÃO Sensor utilizado para indicar a presença de chama em queimadores de gás, óleos leves ou qualquer outro combustível que

Leia mais

5 CONDIÇÕES ESPECÍFICAS 5.1 Material: A armação da caixa deve ser feita com cantoneiras de aço-carbono, ABNT 1010 a 1020, laminado.

5 CONDIÇÕES ESPECÍFICAS 5.1 Material: A armação da caixa deve ser feita com cantoneiras de aço-carbono, ABNT 1010 a 1020, laminado. CAIXA DE MEDIÇÃO EM 34, kv 1 OBJETIVO Esta Norma padroniza as dimensões e estabelece as condições gerais e específicas da caixa de medição a ser utilizada para alojar TCs e TPs empregados na medição de

Leia mais

420 - Série 400. Flangeadas: ISO 7005-2 (PN10 &16) Ranhuradas: ANSI C606 Rosqueadas: NPT Rosqueadas: Rp ISO 7/1 (BSP.P) Padrão das Conexões

420 - Série 400. Flangeadas: ISO 7005-2 (PN10 &16) Ranhuradas: ANSI C606 Rosqueadas: NPT Rosqueadas: Rp ISO 7/1 (BSP.P) Padrão das Conexões Bermad Brasil Válvulas e Soluções Hidráulicas Matriz: Rua Jesuíno Arruda, n 797 - Conj. 22 Itaim Bibi - São Paulo - SP - Brasil CEP: 04532-082 Fone: +55 11 3074.1199 Fax: +55 11 3074.1190 Website: www.bermad.com.br

Leia mais

DMAE Departamento Municipal de Água e Esgotos

DMAE Departamento Municipal de Água e Esgotos DMAE Departamento Municipal de Água e Esgotos Eng. Adinaldo Soares de Fraga Coordenação de Manutenção de adutoras adinaldo@dmae.prefpoa.com.br Telefone: (51)3289-9855 Estrutura do Sistema de Água Extensão

Leia mais

CATÁLOGO DE PRODUTOS v 1.5

CATÁLOGO DE PRODUTOS v 1.5 CATÁLOGO DE PRODUTOS v 1.5 LEIA O MANUAL COM ATENÇÃO A Bonier é uma empresa especializada no desenvolvimento de equipamentos de segurança e resgate. Temos como princípio a qualidade dos produtos, o design,

Leia mais

Válvulas solenoides de 2/2 vias servo operadas tipo EV220B 15 50

Válvulas solenoides de 2/2 vias servo operadas tipo EV220B 15 50 Catálogo técnico Válvulas solenoides de 2/2 vias servo operadas tipo EV220B 15 50 EV220B 15 50 é um programa universal de válvula solenoide de 2/2 vias indiretamente servo-operada. O corpo da válvula em

Leia mais

125/200 150/300 PN 16 PN

125/200 150/300 PN 16 PN VÁLVULAS DE BRONZE SOBRE A MIPEL Após mais de 60 anos de aperfeiçoamento e inovação, a marca Mipel é hoje tradicionalmente reconhecida como sinônimo de qualidade para válvulas de bronze. Além disso, possui

Leia mais

Válvulas de esfera Série 7C

Válvulas de esfera Série 7C Estimado para 6000 psi Válvulas de esfera Série 7C Múltiplos tamanhos de conexão Baixo torque de operação Segurança. Integridade. Confiabilidade. HOKE Válvula de esfera Série 7C A Válvula de esfera da

Leia mais