XXI FENASAN. Saint-Gobain Canalização no Combate às Perdas. Guilherme Luiz Drehmer. 10 de Agosto de 2010

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "XXI FENASAN. Saint-Gobain Canalização no Combate às Perdas. Guilherme Luiz Drehmer. 10 de Agosto de 2010"

Transcrição

1 XXI FENASAN Saint-Gobain Canalização no Combate às Perdas Guilherme Luiz Drehmer 10 de Agosto de 2010

2 Perdas não físicas Perdas físicas Produtos Saint-Gobain para a eliminação das perdas físicas Válvula de fluxo anular Válvula-gaveta Euro20 Conexões Klikso

3 Perdas não físicas Ligações fraudulentas ( by-pass ) Ligações clandestinas Medidores deficientes Todas as demais águas consumidas, porém não faturadas

4 Perdas físicas Vazamentos Redes de distribuição Ramais domiciliares Registros de gaveta de cunha metálica (gaxetas) Conexões Extravasamentos de reservatórios

5 Alta demanda Baixa Pressão

6 Média demanda Pressão Média

7 Baixa demanda Pressão Alta

8

9 Soluções Técnicas e duráveis Válvula de controle de fluxo anular Válvula-gaveta com cunha emborrachada EURO 20 Conexões de ferro fundido dúctil KLIKSO

10 Válvula de fluxo anular

11 Generalidades Aplicação: água (bruta ou tratada) Funções: Reguladora de vazão Reguladora de pressão Principais Formas de Aplicação: Descarga livre Controle de nível de reservatório Controle de vazão Redutora/Sustentadora de pressão

12 Vantagens na utilização Fluxo mais suave com menor geração de ruído e vibração; Baixa perda de carga em comparação com as válvulas auto-operadas; Possibilidade de trabalhar com grandes reduções de pressão sem ser afetado por efeitos de cavitação; Baixo torque de operação em função de ter um obturador hidraulicamente balanceado; Alta precisão de controle e range de operação.

13 Características construtivas Gama de fabricação: DN 100 a 1000mm PN 10 / 16 e 25 Materiais: Corpo em ferro fundido dúctil Obturador em Aço inoxidável AISI 304 Revestimento interno e externo em epóxi pó de espessura 250μm

14 Formas de Acionamento Manual Volante Cabeçote Chave T Pedestal Atuador elétrico Cilindro Hidráulico Pneumático Hidropneumático Contrapeso Contrapeso + boia

15 Vantagens técnicas Linearidade no controle 100% 90% 80% 70% % Vazão 60% 50% 40% 30% 20% 10% 0% 0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% % Abertura

16

17 Válvulas Euro 20 Válvula-gaveta com cunha emborrachada série Euro 20 Norma NBR 14968

18 Evolução das Válvula-gaveta Válvula-gaveta com cunha emborrachada Euro 20

19 Válvula-Gaveta Euro 20 Funções: Bloqueio (ON/OFF) Principais Formas de Aplicação: Materiais Estações elevatórias Estações de tratamento de água Adutoras e Redes de distribuição Entrada e Saída de reservatório Ferro fundido dúctil Revestimento em epóxi pó com aplicação eletrostática de mínimo 250μm Norma Construtiva: ABNT NBR14968

20 Vantagens na utilização Estanqueidade perfeita Vedação da haste sem vazamentos. Facilidade na manobra Quando necessária a manutenção pode ser realizada com a rede em carga Ótima relação custo/benefício

21 Válvula Gaveta EURO20 Tipo 21 DN: 50 a 300 PN10 PN25 ou 16nos DNs 50/80/100/150 e 200 Similar Série Métrica Oval Tipo 23 DN: 50 a 400 PN10 ou 16 Similar Série Métrica Chata Tipo 22 DN: 75 à 300 ANSI B 16.1 ou 16.5 Face a Face ANSI B Tipo 24 DN: 50 a 100 Tubos PVC/PBA Tipo 25 DN: 80 a 300 Tubos Ferro Fundido Tubos com DN equivalentes FoFo DN 350 e 400 sob consulta Válvula-gaveta EURO 20 com Haste Ascendente Tipo 22 A DN 80 a 200 Face a Face ANSI B Flange ANSI B 16.1 ou 16.5 Tipo 23 A DN 80 a 200 Face a Face ISO 5752 série 14 Flange NBR 7675 PN10 ou 16

22

23 Formas de acionamento Cabeçote Chave T Volante Pedestal de Manobra Pedestal de Manobra com Indicador de Posição Atuador Elétrico

24 Registro de cunha metálica Vazamentos pelas gaxetas Registro Gaveta de Cunha Metálica Vazamento pelas gaxetas

25 Registro de cunha metálica Vazamento pela gaxeta

26 Aplicações típicas Não requer caixa para instalação reduzindo custos

27 Linha de Conexões Klikso Conexões KLIKSO de Ferro Dúctil para Tubos de PVC-PBA e Polietileno PE Norma ABNT NBR Conexões de ferro fundido dúctil para tubos de PVC 6,3 e polietileno PE Requisitos

28 A Necessidade de um Elo Forte Freqüentemente as redes de distruibuição são submetidas a fortes solicitações e as conexões sofrem com estas variações tornando constantes os vazamentos.

29 Mudança de direção Concentrações de tensões

30 Mudança de direção Concentrações de tensões Empuxo

31 Mudança de direção Concentrações de tensões Empuxo

32 Mudança de direção Concentrações de tensões Empuxo

33 Mudança de direção Concentrações de tensões Empuxo

34 Mudança de direção Concentrações de tensões Empuxo

35 Mudança de direção Concentrações de tensões Empuxo

36 Mudança de direção Concentrações de tensões

37 Mudança de direção Concentrações de tensões

38 Mudança de direção Concentrações de tensões

39 Mudança de direção Concentrações de tensões

40 Mudança de direção Concentrações de tensões

41 Rupturas elevação de custos e perdas de faturamento Substituição das conexões Imagem afetada Faturamento interrompido Abertura de valas Reparos na via

42 Linha Klikso Utilização: Tubos de PVC tipo PBA (NBR 5647) DN 50, 75 e 100 Tubos de Polietileno PE (NBR 15561) DE 63, 75, 90 e 110. Tipos de aplicação: Materiais Redes de adução Redes de distribuição de água Ferro fundido dúctil (NBR6916) Revestimento em epóxi pó (azul) Anel de borracha EPDM com perfil labial (montado de fábrica) Deflexão angular = 3 30

43 Linha Klikso A alta resistência mecânica, principal característica do Ferro Dúctil Reduz há quase zero os custos de manutenção Com abertura de valas Substituição de conexões Reparo das rodovias e vias de acesso E ainda o desconforto com a população

44 Linha Klikso- o elo forte! Curva 45 BB Curva 22 BB Curva 90 BB Tê BBB Cruzeta c/bs Cap c/b Luva BB Redução PB

45 Linha Klikso - Kit Adaptadores Kit Conexões JGS + adaptadores

46 Conexões Klikso Facilidade no transporte e manuseio Leveza e design ergonômico

47 Conexões Klikso Facilidade de montagem Dispensa o uso de ferramentas (menor esforço)

48 Conexões Klikso Facilidade de montagem Dispensa o uso de ferramenta da Conexão de PVC

49 Conexões Klikso Facilidade de montagem A alça pode ser utilizada para travamento com bloco

50 Estanqueidade total Montagem da junta automática Ponta Bolsa Marcação da profundidade de penetração

51 Estanqueidade total Montagem da junta automática Ponta Bolsa Marcação da profundidade de penetração

52 Estanqueidade total Montagem da junta automática Ponta Bolsa Marcação da profundidade de penetração

53 Estanqueidade total Montagem da junta automática Ponta Bolsa Marcação da profundidade de penetração

54 Estanqueidade total Montagem da junta automática Ponta Bolsa Marcação da profundidade de penetração

55 Estanqueidade total Montagem da junta automática Bolsa Ponta Marcação da profundidade de penetração

56 Estanqueidade total Montagem da junta automática Bolsa Ponta Marcação da profundidade de penetração

57 Estanqueidade total Montagem da junta automática Bolsa Ponta Marcação da profundidade de penetração

58 Estanqueidade total Montagem da junta automática Bolsa Ponta Marcação da profundidade de penetração

59 Estanqueidade total Montagem da junta automática Bolsa Ponta Marcação da profundidade de penetração

60 Estanqueidade total Montagem da junta automática Bolsa Ponta Marcação da profundidade de penetração

61 Estanqueidade total Anel de borracha com perfil labial Bolsa Compressão inicial Compressão inicial Pressão do fluido

62 Estanqueidade total Anel de borracha com perfil labial Bolsa Compressão inicial Compressão inicial Pressão do fluido

63 Estanqueidade total Anel de borracha com perfil labial Pressão de contato Bolsa Pressão de contato Pressão do fluido

64 Estanqueidade total Anel de borracha com perfil labial Bolsa Pressão de contato Pressão de contato Pressão do fluido

65 Estanqueidade total Anel de borracha com perfil labial Bolsa Pressão de contato Pressão de contato Pressão do fluido

66 Estanqueidade total Anel de borracha com perfil labial Bolsa Pressão de contato Pressão de contato Pressão do fluido

67 Estanqueidade total Anel de borracha com perfil labial Bolsa Pressão de contato Pressão de contato

68 Estanqueidade total Anel de borracha com perfil labial Bolsa Pressão de contato Pressão de contato VÁCUO

69 Muito Obrigado! ENSAIO DE CAMPO - SABESP - São Paulo - SP Fale com a Saint-Gobain Canalização Tel: (21)

2014 Saneamento na Rede. Soluções Saint-Gobain para. Combate às Perdas. Marcus V. D. Canellas. 19 de Maio de 2010

2014 Saneamento na Rede. Soluções Saint-Gobain para. Combate às Perdas. Marcus V. D. Canellas. 19 de Maio de 2010 2014 Saneamento na Rede Soluções Saint-Gobain para Combate às Perdas Marcus V. D. Canellas 19 de Maio de 2010 Perdas não físicas Perdas físicas Produtos Saint-Gobain para a eliminação das perdas físicas

Leia mais

Válvula de Fluxo Anular. 1º Encontro Técnico da Baixada Santista

Válvula de Fluxo Anular. 1º Encontro Técnico da Baixada Santista Válvula de Fluxo Anular 1º Encontro Técnico da Baixada Santista André Marques Produtos Tradicionais - SGC aplicados a Controle de Perdas Peças de Manutenção Válvulas de Controle Tubos e Conexões e Intervenção

Leia mais

Apresentação. Apresentação. ltda. PABX: (31) 2535.7762

Apresentação. Apresentação. ltda. PABX: (31) 2535.7762 Apresentação Apresentação Fundada em 2003, a Masterfer é, hoje, uma renomada fornecedora de produtos para saneamento. Prima por possuir um atendimento de forma única e objetiva, o que a credencia apresentar

Leia mais

LINHA COMPLETA DE CONEXÕES E APARELHOS EM FERRO FUNDIDO DÚCTIL PARA SANEAMENTO BÁSICO, CONFORME NORMAS DA ABNT FONTE DE QUALIDADE EM SANEAMENTO BÁSICO

LINHA COMPLETA DE CONEXÕES E APARELHOS EM FERRO FUNDIDO DÚCTIL PARA SANEAMENTO BÁSICO, CONFORME NORMAS DA ABNT FONTE DE QUALIDADE EM SANEAMENTO BÁSICO LINHA COMPLETA DE CONEXÕES E APARELHOS EM FERRO FUNDIDO DÚCTIL PARA SANEAMENTO BÁSICO, CONFORME NORMAS DA ABNT FONTE DE QUALIDADE EM SANEAMENTO BÁSICO w w w. h d s b r a s i l n e. c o m. b r ADAPTADOR

Leia mais

LISTAS DE MATERIAIS 4

LISTAS DE MATERIAIS 4 C:\DOCUMENTS AND SETTINGS\MAISA.SENHA\DESKTOP\SAA\04 LISTA DE MATERIAIS.DOC 4 CONTROLE INTERNO Data JAN/08 Nº Folhas 51 Folhas Rev. Responsável Daniela Verificação Aprovação Histórico Revisão 0 1 2 3 4

Leia mais

Válvulas e Acessórios (Versão 2006)

Válvulas e Acessórios (Versão 2006) Válvulas e Acessórios (Versão 2006) 1 SUMÁRIO - Válvulas e Acessórios: CAPÍTULO 1 - VÁLVULAS DE GAVETA: Descrição Pág. 09 Tabela de Seleção de Válvulas: Registros Flangeados Pág. 12 Registros com Bolsas

Leia mais

CONTEÚDO: Capítulo 4. Válvulas Industriais. Email: vendas@jefferson.ind.br Fone: 016 3622-5744/3622-9851 Site: www.jefferson.ind.

CONTEÚDO: Capítulo 4. Válvulas Industriais. Email: vendas@jefferson.ind.br Fone: 016 3622-5744/3622-9851 Site: www.jefferson.ind. CONTEÚDO: Capítulo 4 Válvulas Industriais Email: vendas@jefferson.ind.br Fone: 016 3622-5744/3622-9851 Site: 1 VÁLVULAS DEFINIÇÃO: DISPOSITIVOS DESTINADOS A ESTABELECER, CONTROLAR E INTERROMPER O FLUXO

Leia mais

MÓDULO 4 4.5 - PROCEDIMENTOS DE REPARO

MÓDULO 4 4.5 - PROCEDIMENTOS DE REPARO Normas Aplicáveis MÓDULO 4 4.5 - PROCEDIMENTOS DE REPARO - NBR 15.979 Sistemas para Distribuição de Água e Esgoto sob pressão Tubos de polietileno PE 80 e PE 100 Procedimentos de Reparo - NBR 14.461 Sistemas

Leia mais

Produtos para PVC PBA (Versão 2006)

Produtos para PVC PBA (Versão 2006) Produtos para PVC PBA (Versão 2006) SUMÁRIO - Produtos para PVC PBA: CAPÍTULO 1 - LINHA KLIKSO: Resistência e Garantia da Estanqueidade nas Redes PVC PBA para água Conexões em Ferro Dúctil para Tubos Rígidos

Leia mais

companhia de saneamento básico do estado de são paulo - sabesp

companhia de saneamento básico do estado de são paulo - sabesp 1 04.0720.0138.1 TE FF DUCTIL TRIPARTIDO C/VEDACAO BORRACHA/SAIDA C/FLANGE DN 300 X 150 - FL PN 10/16-400 MM (COMP. MINIMO) CONSTRUCAO: SEGMENTOS INTEIRICOS, DO MESMO MATERIAL, ACOPLADOS ENTRE SI POR PARAFUSOS

Leia mais

Norma Técnica SABESP NTS 299

Norma Técnica SABESP NTS 299 Norma Técnica SABESP NTS 299 Válvula Redutora de Pressão Tipo Globo - DN 50 a 600 Especificação São Paulo Fevereiro 2014 NTS : Norma Técnica SABESP S U M Á R I O 1 INTRODUÇÃO...1 2 OBJETIVO...1

Leia mais

40 anos VÁLVULA BORBOLETA TRI-EXCÊNTRICA PARA SANEAMENTO PADRÃO AWWA SEDE METAL X METAL O PRODUTO CERTO PARA A SUA APLICAÇÃO

40 anos VÁLVULA BORBOLETA TRI-EXCÊNTRICA PARA SANEAMENTO PADRÃO AWWA SEDE METAL X METAL O PRODUTO CERTO PARA A SUA APLICAÇÃO 40 anos VÁLVULA BORBOLETA TRI-EXCÊNTRICA PARA SANEAMENTO PADRÃO AWWA SEDE METAL X METAL BENEFÍCIOS: Elimine as perdas de produção originadas por vazamentos em válvulas borboleta convencionais. Maximize

Leia mais

TC - somente com autorização por escrito Mercado 6 - Para uso SOMENTE do pessoal Descrição

TC - somente com autorização por escrito Mercado 6 - Para uso SOMENTE do pessoal Descrição Registro gaveta cunha metálica DN 50 DE 60 PBA Fusion 166,39 DN 65 DE 75 PBA Fusion 246,02 DN 75 DE 85 PBA Fusion 269,39 DN 100 DE 110 PBA Fusion 459,55 DN 125 DE 140 PBA ASP 919,10 DN 140 DE 160 PBA Fusion

Leia mais

Norma Técnica Interna SABESP NTS 063

Norma Técnica Interna SABESP NTS 063 Norma Técnica Interna SABESP NTS 063 VÁLVULAS DE GAVETA ÚNICA DE FERRO FUNDIDO NODULAR Especificação e Método de Ensaio São Paulo Revisão 1 - Novembro 2000 NTS 063 : 2000 / Revisão 1 Norma Técnica Interna

Leia mais

420 - Série 400. Flangeadas: ISO 7005-2 (PN10 &16) Ranhuradas: ANSI C606 Rosqueadas: NPT Rosqueadas: Rp ISO 7/1 (BSP.P) Padrão das Conexões

420 - Série 400. Flangeadas: ISO 7005-2 (PN10 &16) Ranhuradas: ANSI C606 Rosqueadas: NPT Rosqueadas: Rp ISO 7/1 (BSP.P) Padrão das Conexões Bermad Brasil Válvulas e Soluções Hidráulicas Matriz: Rua Jesuíno Arruda, n 797 - Conj. 22 Itaim Bibi - São Paulo - SP - Brasil CEP: 04532-082 Fone: +55 11 3074.1199 Fax: +55 11 3074.1190 Website: www.bermad.com.br

Leia mais

Linha Amanco Biax. Amanco Biax. Linha. Soluções Amanco. Tripla Certificação. Soluções Amanco LINHA AMANCO BIAX. Soluções Amanco

Linha Amanco Biax. Amanco Biax. Linha. Soluções Amanco. Tripla Certificação. Soluções Amanco LINHA AMANCO BIAX. Soluções Amanco úde ualidade gurança 2007 :2008 LINHA AMANCO BIAX S O L U Ç Õ E S Tripla Certificação A Amanco Brasil é comprometida com a qualidade, sendo a única empresa fabricante de tubos e conexões do Brasil a ter

Leia mais

Linha de Saneamento. Engineering GREAT Solutions. Soluções de Alta Perfomance

Linha de Saneamento. Engineering GREAT Solutions. Soluções de Alta Perfomance Linha de Saneamento Engineering GREAT Solutions Soluções de Alta Perfomance IMI Interativa / Válvulas para Saneamento Válvula Borboleta Série WR A válvula borboleta de alta performance Série WR foi projetada

Leia mais

PLANILHA DE PROPOSTA

PLANILHA DE PROPOSTA 0001 007296 ACESSORIO PARA FLANGE PN 10 DN 150 - AGUA 8 parafusos de cabeça sextavada com 1 porca sextavada e 2 arruela para fixação dos flanges, para cada parafuso, devem ser de aço ABNT 1020 ou ASTM

Leia mais

E-mail: vendas@unicompbrasil.com.br Site: www.unicompbrasil.com.br

E-mail: vendas@unicompbrasil.com.br Site: www.unicompbrasil.com.br UNICOMP COM. DE EQUIPAMENTOS PNEUMÁTICOS LTDA. Rua Leopoldo de Passos Lima, 238 Jardim Santa Fé. CEP.: 05271-000 São Paulo SP. Telefones: (11) 3911-4665 / 4682 E-mail: vendas@unicompbrasil.com.br Site:

Leia mais

Válvula Globo. Apresentação. Construção. Vantagens. Aplicações. + Adequada para aplicações em regimes severos de operação

Válvula Globo. Apresentação. Construção. Vantagens. Aplicações. + Adequada para aplicações em regimes severos de operação 517 Válvula Globo 2/2 Vias - Acionamento Manual Apresentação Válvula Globo metálica flangeada (tipo aerodinâmica), acionada manualmente por volante. Ideal para o controle ou bloqueio de fluidos como: vapor,

Leia mais

Tubos são condutos fechados, destinados ao transporte de fluidos.

Tubos são condutos fechados, destinados ao transporte de fluidos. Tubulações Tubos são condutos fechados, destinados ao transporte de fluidos. Tubulação é conjunto de tubos e seus diversos acessórios(curvas, tês, reduções, flanges, luvas, junta de expansão, válvulas,

Leia mais

Explicação dos Tipos de Válvula Solenóide

Explicação dos Tipos de Válvula Solenóide Explicação dos Tipos Válvula Solenói Todas as válvulas da Danfoss possuem agora uma signação que talha sua estrutura e operação.vários números e letras finem se a válvula é operada diretamente ou servocontrolada,

Leia mais

CATÁLOGO 800035-A Observações sobre as fichas técnicas

CATÁLOGO 800035-A Observações sobre as fichas técnicas CATÁLOGO 800035-A sobre as fichas técnicas Os dados constantes nas fichas técnicas a seguir podem sofrer alterações sem prévio aviso. Alguns modelos possuem pequenas alterações em seus projetos construtivos,

Leia mais

MÓDULO 6 LINHAS ANTI INCÊNDIO. Conexões Mecânicas: NBR 15.803;ISO 14.236; UNI 9561; Módulo 1.3

MÓDULO 6 LINHAS ANTI INCÊNDIO. Conexões Mecânicas: NBR 15.803;ISO 14.236; UNI 9561; Módulo 1.3 MÓDULO 6 LINHAS ANTI INCÊNDIO 1 Normas Aplicáveis Tubos: NBR 15.561; EN 12.201-2; Módulo 1.2 Conexões Soldáveis: NBR 15.593;EN 12.201-3; Módulo 1.3 Diretrizes para Projetos: NBR 15.802; Conexões Mecânicas:

Leia mais

LINHA INTEGRAL. Solução em Tubos de Ferro Fundido Dúctil para Esgoto com Esgotamento Gravitário.

LINHA INTEGRAL. Solução em Tubos de Ferro Fundido Dúctil para Esgoto com Esgotamento Gravitário. LINHA INTEGRAL Solução em Tubos de Ferro Fundido Dúctil para Esgoto com Esgotamento Gravitário. História da SAINT-GOBAIN CANALIZAÇÃO A evolução do mercado esgoto As dificuldades encontradas no escoamento

Leia mais

MÓDULO 2 2.3 - CONEXÕES

MÓDULO 2 2.3 - CONEXÕES MÓDULO 2 2.3 - CONEXÕES Os fabricantes e as conexões devem ser pré-qualificados através de certificados de qualificação emitidos por organismos/laboratórios reconhecidos, ou pelo próprio sistema de qualificação

Leia mais

A seguir parte do material didático que é distribuído aos participantes do curso.

A seguir parte do material didático que é distribuído aos participantes do curso. A seguir parte do material didático que é distribuído aos participantes do curso. A próxima turma do curso VÁLVULAS INDUSTRIAIS está programada para o período de 16 a 19 de setembro de 2013, no Rio de

Leia mais

VÁLVULAS SISTEMAS DA QUALIDADE E AMBIENTAL CERTIFICADOS CONFORME ISO 9001:2000, ISO/TS 16949:2002 E ISO 14001:2004

VÁLVULAS SISTEMAS DA QUALIDADE E AMBIENTAL CERTIFICADOS CONFORME ISO 9001:2000, ISO/TS 16949:2002 E ISO 14001:2004 VÁLVULAS ÍNDICE Válvulas de agulha Série 2700... 02 Válvulas Manifold Série 2700... 08 Manifold 2 Vias... 10 Manifold 3 Vias... 13 Suporte para Manifold de 3 Vias... 16 Válvulas miniatura Série 1800...

Leia mais

Função: Conduzir água à temperatura ambiente nas instalações prediais de água fria; Aplicações: Instalações prediais em geral.

Função: Conduzir água à temperatura ambiente nas instalações prediais de água fria; Aplicações: Instalações prediais em geral. Função: Conduzir água à temperatura ambiente nas instalações prediais de água fria; Aplicações: Instalações prediais em geral. SETEMBRO/2011 Bitolas: 20, 25, 32, 40,50,60, 75, 85, 110 milímetros; Pressão

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES Válvula de agulha Conexão roscada segundo. Asme b1 20.1 (NPT) Din 2.999 & Bs 21 Iso 228/1 & Iso 7/1 6000 Psi Padrão Fire-Safe.

ESPECIFICAÇÕES Válvula de agulha Conexão roscada segundo. Asme b1 20.1 (NPT) Din 2.999 & Bs 21 Iso 228/1 & Iso 7/1 6000 Psi Padrão Fire-Safe. 01/66 FIG.Nº.:AG-01 Bitola 1/8 á 1. Válvula de agulha Conexão roscada segundo. Asme b1 20.1 (NPT) Din 2.999 & Bs 21 Iso 228/1 & Iso 7/1 6000 Psi Padrão Fire-Safe. Nº NOMES DAS PARTES CONSTRUÇÃO 01 TRAVA

Leia mais

FKB INDÚSTRIA DE EQUIPAMENTOS LTDA. VÁLVULAS GUILHOTINA VGU-08

FKB INDÚSTRIA DE EQUIPAMENTOS LTDA. VÁLVULAS GUILHOTINA VGU-08 Descrição Geral As Válvulas Guilhotinas FKB modelo VGU-08 tem a função de controle e/ou bloqueio na vazão de fluídos, do qual foram desenvolvidos conforme norma MSS-SP81 e com design Robusto, tem como

Leia mais

Recomendações para aumento da confiabilidade de junta de expansão de fole com purga de vapor

Recomendações para aumento da confiabilidade de junta de expansão de fole com purga de vapor Recomendações para aumento da confiabilidade de junta de expansão de fole com purga de vapor 1. Junta de expansão de fole com purga de vapor d água Em juntas de expansão com purga da camisa interna, para

Leia mais

V Á L V U L A S. MANIFOLD Série 2700 LAMINADO

V Á L V U L A S. MANIFOLD Série 2700 LAMINADO V Á L V U L A S MANIFOLD Série 2700 LAMINADO Índice Informações gerais... 02 Manifold de 2 vias... 04 Manifold de 3 vias... 09 Manifold de 5 vias... 12 Suporte... 15 1 As modernas válvulas Manifold Série

Leia mais

RESULTADO FINAL PREGÃO PRESENCIAL Nº. 29/2013 PROCESSO LICITATÓRIO Nº. 144/2013 MENOR PREÇO POR LOTE

RESULTADO FINAL PREGÃO PRESENCIAL Nº. 29/2013 PROCESSO LICITATÓRIO Nº. 144/2013 MENOR PREÇO POR LOTE RESULTADO FINAL PREGÃO PRESENCIAL Nº. 29/2013 PROCESSO LICITATÓRIO Nº. 144/2013 MENOR PREÇO POR LOTE LOTE 1: EMPRESA VENCEDORA: MORAL MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO LTDA Cód. SAAE Item Objeto Unid. Quant. Mar

Leia mais

MANUAL TÉCNICO Amanco Ramalfort

MANUAL TÉCNICO Amanco Ramalfort Amanco Ramalfort Desenho e Dimensões Os tubos Amanco Ramalfort foram desenvolvidos para condução de água no trecho compreendido entre o ponto de derivação da rede de distribuição de água e o kit cavalete

Leia mais

Válvulas de Guilhotina - Série M. Válvulas para líquidos pastosos, massas, água industrial e semelhantes.

Válvulas de Guilhotina - Série M. Válvulas para líquidos pastosos, massas, água industrial e semelhantes. Série M Série P Válvulas de Guilhotina - Série M Válvulas para líquidos pastosos, massas, água industrial e semelhantes. Manual Pneumática Dados de Operação BITOLA 50 2 65 21/2 80 3 100 4 125 5 150 6 200

Leia mais

M40Fi3 ISO. Válvula Esfera Passagem Reduzida DN 1 a 6 ANSI 150 e 300

M40Fi3 ISO. Válvula Esfera Passagem Reduzida DN 1 a 6 ANSI 150 e 300 Página 1 a 6 TI-D221-02 M40Fi ISO Válvula Esfera Passagem Reduzida DN 1 a 6 ANSI 150 e 300 Descrição A válvula M40Fi ISO é uma válvula esfera de passagem reduzida, com construção monobloco, e tem montagem

Leia mais

VÁLVULA ANTI GOLPE DE ARIETE RETENÇÃO DE ALTO DESEMPENHO MULTIPLE

VÁLVULA ANTI GOLPE DE ARIETE RETENÇÃO DE ALTO DESEMPENHO MULTIPLE VÁLVULA ANTI GOLPE DE ARIETE RETENÇÃO DE ALTO DESEMPENHO MULTIPLE MAIS DE MAIS DE 50anos 50anos DE USO NA EUROPA DE USO NA EUROPA Dissipadora de energia Retenção de alto desempenho Baixa perda de carga

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO TÉCNICO DE MATERIAIS VOLUME I MATERIAIS EM FERRO FUNDIDO TOMO IX JUNÇÃO DE FERRO FUNDIDO DÚCTIL OUTUBRO/2013 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS CATÁLOGO

Leia mais

Hidráulica de Linhas pressurizadas. FEAGRI/UNICAMP - 2014 Prof. Roberto Testezlaf

Hidráulica de Linhas pressurizadas. FEAGRI/UNICAMP - 2014 Prof. Roberto Testezlaf Hidráulica de Linhas pressurizadas Parte 1 - Tubulações FEAGRI/UNICAMP - 2014 Prof. Roberto Testezlaf Tubulações A qualidade e integridade de instalação depende: Escolha do material e do diâmetro adequado

Leia mais

Fabri-Valve. Válvula de guilhotina C67 Bi-direcional

Fabri-Valve. Válvula de guilhotina C67 Bi-direcional Fabri-Valve Válvula de guilhotina C7 Bi-direcional Válvula de guilhotina C7 Bi-direcional A Fabri-Valve Figure C7 possui uma vedação de perímetro única e patenteada*, que permite interrupção bi-direcional.

Leia mais

VD-FLUX. Hipress Componentes Hidráulicos - Ligue (31) 2103-6955 - vendas@hipress.com.br

VD-FLUX. Hipress Componentes Hidráulicos - Ligue (31) 2103-6955 - vendas@hipress.com.br VD-FLUX Válvula Distribuidora de Fluxo Universal tipo Pistão * Patente PI 9702874-6 02/06/1997 A Válvula Distribuidora de Fluxo Universal Tipo Pistão VD- Flux da Detroit foi projetada e desenvolvida para

Leia mais

MATERIAIS EMPREGADOS NAS REDES DE ESGOTOS SANITÁRIOS

MATERIAIS EMPREGADOS NAS REDES DE ESGOTOS SANITÁRIOS MATERIAIS EMPREGADOS NAS REDES DE ESGOTOS SANITÁRIOS 1 - INTRODUÇÃO. A escolha do material a empregar (tipo de tubulação) nas redes coletoras de esgotos sanitários é função das características dos esgotos,

Leia mais

LATERAIS E ADUTORAS MATERIAIS EMPREGADOS EM TUBULAÇÕES

LATERAIS E ADUTORAS MATERIAIS EMPREGADOS EM TUBULAÇÕES LATERAIS E ADUTORAS Uma tubulação em irrigação pode, conforme a finalidade, ser designada como adutora, ramal ou lateral. A adutora é aquela tubulação que vai da bomba até a área a ser irrigada. Normalmente

Leia mais

Junta Universal Ve DN 100 ao DN 1000 Tubos classe K9

Junta Universal Ve DN 100 ao DN 1000 Tubos classe K9 Tubos classe K9 colar de proteção da bolsa em elastômero cordão de solda anel de trava em ferro dúctil colar de proteção metálico anel JE2GS Acessórios Junta elástica e travamento metálico anel JE2GS

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DOS COMPONENTES DO CRM COM MEDIDOR TIPO DIAFRAGMA (G4, G6, G10 ou G16) Í N D I C E D E R E V I S Õ E S

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DOS COMPONENTES DO CRM COM MEDIDOR TIPO DIAFRAGMA (G4, G6, G10 ou G16) Í N D I C E D E R E V I S Õ E S USUÁRIO: CEGÁS FOLHA: 1 de 5 OBJETO: AMPLIAÇÃO DA REDE DE DISTRIBUIÇÃO DE GÁS NATURAL OBRA. Í N D I C E D E R E V I S Õ E S REV. DESCRIÇÃO E/OU FOLHAS ATINGIDAS 0 A B EMISSÃO PARA APROVAÇÃO ATENDENDO COMENTÁRIOS

Leia mais

DMAE Departamento Municipal de Água e Esgotos

DMAE Departamento Municipal de Água e Esgotos DMAE Departamento Municipal de Água e Esgotos Eng. Adinaldo Soares de Fraga Coordenação de Manutenção de adutoras adinaldo@dmae.prefpoa.com.br Telefone: (51)3289-9855 Estrutura do Sistema de Água Extensão

Leia mais

CATÁLOGO TÉCNICO VÁLVULAS E FILTROS INDUSTRIAIS PRODUTOS COM QUALIDADE E SEGURANÇA

CATÁLOGO TÉCNICO VÁLVULAS E FILTROS INDUSTRIAIS PRODUTOS COM QUALIDADE E SEGURANÇA CATÁLOGO TÉCNICO S E FILTROS INDUSTRIAIS PRODUTOS COM QUALIDADE E SEGURANÇA ÍNDICE S FIG. PÁG. Gaveta HA FoFo FLG ANSI - 125# - V.B. 10 1 Gaveta HA FoFo FLG ANSI - 125# - V.I. 11 2 Gaveta HA WCB FLG ASME

Leia mais

Catálogo Técnico VÁLVULAS INDUSTRIAIS

Catálogo Técnico VÁLVULAS INDUSTRIAIS Catálogo Técnico VÁLVULAS INDUSTRIAIS VÁLVULA FERRO CLASSE GAVETA FUNDIDO 15 Válvula gaveta em ferro fundido ASTM A 16 B; classe 15 lbs; haste ascendente com rosca trapezoidal externa e castelo aparafusado

Leia mais

Válvula Plástica de Diafragma RAF - P. Irrigação. Válvula Plástica. www.idealtrading.com.br / Tel: 71-35032799

Válvula Plástica de Diafragma RAF - P. Irrigação. Válvula Plástica. www.idealtrading.com.br / Tel: 71-35032799 Válvula Plástica de Diafragma RAF - P Irrigação Válvula Plástica www.idealtrading.com.br / Tel: 71-502799 Ideal Trading - Válvula Hidráulica de Controle RAF - P Válvula de Controle de Diafragma - Alta

Leia mais

V 2. 1.7 Perda de carga localizada (h L. Borda-Belanger formulou que

V 2. 1.7 Perda de carga localizada (h L. Borda-Belanger formulou que 1.7 Perda de carga localizada (h L ) Borda-Belanger formulou que h L K l V 2 2g onde k L é um coeficiente de perda de carga localizada que é função do número de Reynolds e da geometria da peça. É obtido

Leia mais

X-008 INTERVENÇÃO EM ADUTORAS COM CARGA : UMA RESPOSTA À GARANTIA DE ABASTECIMENTO 100% DO TEMPO

X-008 INTERVENÇÃO EM ADUTORAS COM CARGA : UMA RESPOSTA À GARANTIA DE ABASTECIMENTO 100% DO TEMPO X-008 INTERVENÇÃO EM ADUTORAS COM CARGA : UMA RESPOSTA À GARANTIA DE ABASTECIMENTO 100% DO TEMPO José Francisco de Proença (1) Gerente do Departamento de Manutenção Operacional, da Superintendência de

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE ÁGUA E ESGOTOS NS027 CONSERTO DE REDES ADUTORAS DE ÁGUA Revisão: 01 Abr.

PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE ÁGUA E ESGOTOS NS027 CONSERTO DE REDES ADUTORAS DE ÁGUA Revisão: 01 Abr. SUMÁRIO 1. Objetivo e campo de aplicação...2 2. Referências...2 3. Definições...2 4. Condições para início dos serviços...3 5. Materiais e equipamentos necessários...3 5.1 Materiais...3 5.2 Equipamentos...3

Leia mais

Continuously Improving Flow Control

Continuously Improving Flow Control Continuously Improving Flow Control Soluções focadas no cliente para as aplicações mais exigentes do mundo. A CIRCOR Energy é um provedor global líder no mercado de soluções integradas no controle de fluxo

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO HIDRÁULICA

MANUAL DE INSTALAÇÃO HIDRÁULICA MANUAL DE INSTALAÇÃO HIDRÁULICA Esquema de Instalação Hidráulica RESIDENCIAL Atenção: Modelo meramente ilustrativo em casas térreas. Para sua segurança e garantia do bom funcionamento das tubulações de

Leia mais

VÁLVULA GLOBO DE CONTROLE SÉRIE 10

VÁLVULA GLOBO DE CONTROLE SÉRIE 10 VÁLVULA GLOBO DE CONTROLE SÉRIE 10 EXCELÊNCIA EM CONTROLE DE FLUXO 1 Válvula Globo de Controle Série 10 Características gerais As válvulas globo de controle de sede simples da série 10, produzidas pela

Leia mais

SAN.T.IN.PR 83. Medição de Esgoto em Canal Aberto 1. FINALIDADE

SAN.T.IN.PR 83. Medição de Esgoto em Canal Aberto 1. FINALIDADE 1 / 17 SUMÁRIO: 1. FINALIDADE 2. AMBITOS DE APLICAÇÃO 3. CONCEITOS BÁSICOS 4. PROCEDIMENTOS 5. REFERÊNCIAS 6. ANEXOS 1. FINALIDADE Este procedimento tem como finalidade definir princípios básicos, especificação

Leia mais

GS de Tubos e Conexões de Ferro Fundido

GS de Tubos e Conexões de Ferro Fundido GS de Tubos e Conexões de Ferro Fundido XI Audiência de Inovação Tubulações para Sistemas de Abastecimento de Água Palestrante: Eng. Fernando Puell Neto São Paulo, 29 de Maio de 2008 Introdução Evolução

Leia mais

ÍNDICE. 2009 /Edição 01 01. VÁLVULAS DE CUNHA ELÁSTICA 02. VÁLVULAS DE CUNHA ELÁSTICA DE RAMAL 03. VÁLVULAS DE RETENÇÃO 04.

ÍNDICE. 2009 /Edição 01 01. VÁLVULAS DE CUNHA ELÁSTICA 02. VÁLVULAS DE CUNHA ELÁSTICA DE RAMAL 03. VÁLVULAS DE RETENÇÃO 04. ÍNDICE 2009 /Edição 01 01. VÁLVULAS DE CUNHA ELÁSTICA Válvula de cunha elástica flangeada 1 Válvula de cunha elástica canhões lisos 2 Válvula de cunha elástica de bocas p/ PVC 2 Válvula de cunha elástica

Leia mais

CATÁLOGO DE PRODUTOS

CATÁLOGO DE PRODUTOS CATÁLOGO DE PRODUTOS A PLASTUBOS é uma empresa do Grupo Empresarial DVG, especializada na produção de tubos rígidos e conexões de PVC para água e esgoto predial, infra-estrutura, irrigação e eletricidade.

Leia mais

Válvulas reguladoras de pressão auto-operadas

Válvulas reguladoras de pressão auto-operadas Válvulas reguladoras de pressão autooperadas SR DIN PN 6 ANSI 300 DN 5 a 00 mm /2" a 4" SR 5R, R, 5E, E Aplicação As válvulas autooperadas reguladoras e redutoras de pressão SR 5R e SR R servem para controlar

Leia mais

VÁLVULAS MANIFOLD MANIFOLD 3 VIAS MANIFOLD 5 VIAS

VÁLVULAS MANIFOLD MANIFOLD 3 VIAS MANIFOLD 5 VIAS MANIFOLD As válvulas Manifold, produzidas pela Detroit, foram desenvolvidas e dimensionadas para tornar uma tubulação de instrumentos de diferencial de pressão mais simples, mais segura e mais confiável.

Leia mais

SOLUÇÕES FORTLEV PARA CUIDAR DA ÁGUA

SOLUÇÕES FORTLEV PARA CUIDAR DA ÁGUA C A T Á L O G O T É C N I C O SOLUÇÕES FORTLEV PARA CUIDAR DA ÁGUA CAIXA D ÁGUA EM POLIETILENO MUITO MAIS TECNOLOGIA E VERSATILIDADE PARA CUIDAR DA ÁGUA A FORTLEV é a maior empresa produtora de soluções

Leia mais

Séries SG e FTV. Guias de Sucção e Válvulas Flo-Trex. 30 Julho, 2013

Séries SG e FTV. Guias de Sucção e Válvulas Flo-Trex. 30 Julho, 2013 Séries SG e FTV Guias de Sucção e Válvulas Flo-Trex ARQUIVO Nº: DATA: SUBSTITUI: DATA: 35.11PT 30 Julho, 2013 35.11PT 26 maio, 2011 Séries SG e FTV Guias de Sucção Projetadas para montagem direta no flange

Leia mais

SISTEMAS URBANOS DE ÁGUA E ESGOTO PROJETO 1 DATA DE ENTREGA:

SISTEMAS URBANOS DE ÁGUA E ESGOTO PROJETO 1 DATA DE ENTREGA: MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS CENTRO DE ENGENHARIAS SISTEMAS URBANOS DE ÁGUA E ESGOTO PROJETO 1 DATA DE ENTREGA: 05/10/2015 1. Objetivo A expansão do sistema de abastecimento de

Leia mais

SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA REDE DE ÁGUA CASAS DE BOMBAS RESERVATÓRIOS

SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA REDE DE ÁGUA CASAS DE BOMBAS RESERVATÓRIOS SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA REDE DE ÁGUA CASAS DE BOMBAS RESERVATÓRIOS NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE PROJETO HIDRÁULICO E EXECUÇÃO DE REDE DE DISTRIBUIÇÃO DE ÁGUA POTÁVEL Deverão ser obedecidas as normas

Leia mais

V Á L V U L A S SÉRIE 2700

V Á L V U L A S SÉRIE 2700 V Á L V U L A S SÉRIE 2700 Válvulas de agulha compactas de alta confiabilidade e versatilidade para controle de processos e uso geral na indústria. As modernas válvulas de agulha Série 2700 da Detroit

Leia mais

122 CURVA 90º EM PVC P/ ESGOTO 75MM PÇ 4 NOVO

122 CURVA 90º EM PVC P/ ESGOTO 75MM PÇ 4 NOVO 122 ADAPTADOR DE PVC C/ FLANGE P/ AGUA 110MMX4" PÇ 3 NOVO 122 ADAPTADOR DE PVC P/ AGUA LR DE 1.1/2" X 50MM PÇ 27 NOVO 122 ADAPTADOR DE PVC SOLD. ROSC. P/ AGUA 32X1" PÇ 14 NOVO 122 ADAPTADOR DE PVC SOLDAVEL

Leia mais

125/200 150/300 PN 16 PN

125/200 150/300 PN 16 PN VÁLVULAS DE BRONZE SOBRE A MIPEL Após mais de 60 anos de aperfeiçoamento e inovação, a marca Mipel é hoje tradicionalmente reconhecida como sinônimo de qualidade para válvulas de bronze. Além disso, possui

Leia mais

4.1 Tubo Coletor de Esgoto Kanasan Ocre

4.1 Tubo Coletor de Esgoto Kanasan Ocre 4.1 Tubo Coletor de Esgoto Kanasan Ocre O Kanasan é um tubo corrugado de dupla parede, fabricado em Polietileno de Alta Densidade (PEAD), semi rígido, anelado externamente e liso internamente (Figura 1,

Leia mais

PROJETO EXECUTIVO MEMORIAL DESCRITIVO

PROJETO EXECUTIVO MEMORIAL DESCRITIVO PROJETO EXECUTIVO MEMORIAL DESCRITIVO DAS INSTALAÇÕES HIDRÁULICAS DO RESTAURANTE E VESTIÁRIOS Rev. 0: 09/01/13 1. INTRODUÇÃO Este memorial visa descrever os serviços e especificar os materiais do projeto

Leia mais

Válvulas Automáticas de Controle e Fluxo

Válvulas Automáticas de Controle e Fluxo Válvulas Automáticas de Controle e Fluxo As válvulas automáticas são utilizadas em processos de automação ou acionamento remoto para controle de fluxo de líquidos e gases, e também nos processos de dosagem

Leia mais

Válvula Globo de Assento Inclinado 2/2-vias para produtos até +180 C

Válvula Globo de Assento Inclinado 2/2-vias para produtos até +180 C Válvula Globo de Assento Inclinado /-vias para produtos até +1 C O Tipo pode ser combinado com... Altos níveis de vazão Amplo ciclo de vida útil Programa de opção modular universal até os cabeçotes de

Leia mais

Instruções de montagem

Instruções de montagem Instruções de montagem Indicações importantes relativas às instruções de montagem VOSS O desempenho e a segurança mais elevados possíveis no funcionamento dos produtos VOSS só serão obtidos se forem cumpridas

Leia mais

VAZAMENTO EM ADUTORAS DE FERRO FUNDIDO - CAUSA E SOLUÇÃO

VAZAMENTO EM ADUTORAS DE FERRO FUNDIDO - CAUSA E SOLUÇÃO VAZAMENTO EM ADUTORAS DE FERRO FUNDIDO - CAUSA E SOLUÇÃO Antônio Wilson Martins (1) Engenheiro Eletricista pela Faculdade de Engenharia de Barretos. Especialista em Engenharia Sanitária pela Universidade

Leia mais

Soluções Amanco. Linha Amanco Novafort

Soluções Amanco. Linha Amanco Novafort Linha Amanco Novafort Linha Amanco Novafort s o l u ç õ e s a m a n c o i n f r a e s t r u t u r a Linha Amanco Novafort para Redes Coletoras de Esgotos e Águas Pluviais para Infraestrutura A linha Amanco

Leia mais

SPIRA-TROL ½" a 4" Válvulas de Controle LEA, LFA e LLA, 2 vias, ANSI

SPIRA-TROL ½ a 4 Válvulas de Controle LEA, LFA e LLA, 2 vias, ANSI Página 1 de 10 R Rev. 00 SPIR-TROL ½" a 4" Válvulas de Controle L, LF e LL, 2 vias, NSI Descrição SPIR-TROL é uma linha de válvulas de 2 vias com retentor de sede, projetada conforme as normas SM / NSI.

Leia mais

COBRE: TUBOS E OBRAS ARTESANAIS

COBRE: TUBOS E OBRAS ARTESANAIS COBRE: TUBOS E OBRAS ARTESANAIS EMPRESA PARANAPANEMA JULHO - 2013 COBRE INTRODUÇÃO - Fundamental no desenvolvimento das primeiras civilizações, o cobre mantém-se como o melhor e mais indicado material

Leia mais

Válvulas Industriais

Válvulas Industriais Válvulas de Bronze Válvulas Industriais Haste Não Ascendente Fig. 601/602 Tampa roscada externamente ao corpo na medida de 4 Corpo, tampa e cunha: Bronze (Fig. 601) Haste: Bronze (Fig. 602) Haste Não Ascendente

Leia mais

Power Pipe Line. Redes de Ar Comprimido

Power Pipe Line. Redes de Ar Comprimido Power Pipe Line Redes de Ar Comprimido Power Pipe Line - PPL - é um novo sistema de tubulação de encaixe rápido projetado para todo tipo de planta de ar comprimido, bem como para outros fluidos, gases

Leia mais

MÓDULO 4 4.8.2 - PROCEDIMENTOS DE TESTES DE ESTANQUEIDADE PARA LINHAS DE POLIETILENO PARAGASES E AR COMPRIMIDO

MÓDULO 4 4.8.2 - PROCEDIMENTOS DE TESTES DE ESTANQUEIDADE PARA LINHAS DE POLIETILENO PARAGASES E AR COMPRIMIDO MÓDULO 4 4.8.2 - PROCEDIMENTOS DE TESTES DE ESTANQUEIDADE PARA LINHAS DE POLIETILENO PARAGASES E AR COMPRIMIDO Normas Aplicáveis - NBR 14.462 Sistemas para Distribuição de Gás Combustível para Redes Enterradas

Leia mais

SANEAMENTO DE MIRASSOL SANESSOL S.A

SANEAMENTO DE MIRASSOL SANESSOL S.A MANUAL DO LOTEADOR SANESSOL S.A Sumário 1. Diretrizes Gerais... 3 2. Diretrizes para apresentação dos Projetos... 5 3. Diretrizes técnicas para Abastecimento de Água... 6 3.1. Abastecimento de Água...

Leia mais

Norma Técnica Sabesp NTS 165

Norma Técnica Sabesp NTS 165 Norma Técnica Sabesp NTS 165 Instalação da Unidade de Medição de Água - UMA (DN 20 - Hidrômetro de 1,5 m 3 /h e 3,0 m 3 /h) Procedimento São Paulo Revisão 05 Janeiro 2015 NTS 165:2015 Rev. 05 Norma Técnica

Leia mais

Linha de Empilhadeiras LEG25 e LED30

Linha de Empilhadeiras LEG25 e LED30 Linha de Empilhadeiras LEG25 e LED30 Manual de peças Empilhadeira ÍNDICE 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 Montagem Da Transmissão Transmissão

Leia mais

Autor do Proj. / Resp. Técnico CREA / UF ENGº HARUO OKAWA 0600223452/SP. Coord. Adjunto Contrato. Sítio. Área do sítio

Autor do Proj. / Resp. Técnico CREA / UF ENGº HARUO OKAWA 0600223452/SP. Coord. Adjunto Contrato. Sítio. Área do sítio 1 ATENDENDO A RAT 514CG1/PEIN-2/10 E RAT 514CG2/PEIN-2/10 27/08/2010 RAGC ATY WV 0 EMISSÃO INICIAL 15/03/2010 RAGC ATY WV Rev. Modificação Data Projetista Desenhista Aprovo Coordenador de Projeto ENGº

Leia mais

Cadastro Técnico de Sistemas de Abastecimento de Água

Cadastro Técnico de Sistemas de Abastecimento de Água 1 NORMA GT/FE/ Número / versão / ano ENG/CA/049/01/08 Data de aprovação 05 /11 / 2008 Doc. de aprovação Resolução nº 4950/2008 Cadastro Técnico de Sistemas de Abastecimento de Água SUMÁRIO 1 OBJETIVO...

Leia mais

MANUAL TÉCNICO Amanco Ductilfort Desenho e Dimensões

MANUAL TÉCNICO Amanco Ductilfort Desenho e Dimensões Amanco Ductilfort Desenho e Dimensões Os tubos Amanco Ductilfort são uma linha em PVC dúctil utilizada na construção de redes para condução de água. Perfeitamente intercambiáveis às tubulações de ferro

Leia mais

SOLUÇÕES FORTLEV PARA CUIDAR DA ÁGUA

SOLUÇÕES FORTLEV PARA CUIDAR DA ÁGUA C A T Á L O G O T É C N I C O SOLUÇÕES FORTLEV PARA CUIDAR DA ÁGUA CAIXA D ÁGUA EM FIBRA DE VIDRO MUITO MAIS TECNOLOGIA E VERSATILIDADE PARA CUIDAR DA ÁGUA A FORTLEV é a maior empresa produtora de soluções

Leia mais

NOVA. BERMAD Irrigação Série 100 - Válvulas de Alto Desempenho. Soluções para controle de água

NOVA. BERMAD Irrigação Série 100 - Válvulas de Alto Desempenho. Soluções para controle de água NOVA BERMAD Irrigação Válvulas de Alto Desempeno Soluções para controle de água Série 100 Yflow Válvulas Plásticas de Controle idráulico de Alto Desempeno Características e Benefícios O projeto e a fabricação

Leia mais

VÁLVULAS. Válvulas de Regulagem São destinadas especificamente para controlar o fluxo, podendo por isso trabalhar em qualquer posição de fechamento.

VÁLVULAS. Válvulas de Regulagem São destinadas especificamente para controlar o fluxo, podendo por isso trabalhar em qualquer posição de fechamento. VÁLVULAS São dispositivos destinados a estabelecer, controlar e interromper o fluxo em uma tubulação. São acessórios muito importantes nos sistemas de condução, e por isso devem merecer o maior cuidado

Leia mais

Título: QUALIDADE E DURABILIDADE DOS KITS HIDRÁULICOS NA APLICAÇÃO EM SISTEMA DRYWALL

Título: QUALIDADE E DURABILIDADE DOS KITS HIDRÁULICOS NA APLICAÇÃO EM SISTEMA DRYWALL Título: QUALIDADE E DURABILIDADE DOS KITS HIDRÁULICOS NA APLICAÇÃO EM SISTEMA DRYWALL Categoria: QUALIDADE, CONFORMIDADE E SUSTENTABILIDADE EM INSTALAÇÕES Responsável pelo Case: Vitor Paulo Ferrari Cargo:

Leia mais

SAN.T.IN.PR 143. Projeto e Instalação de Válvulas de Controle e Macromedidores 1. FINALIDADE

SAN.T.IN.PR 143. Projeto e Instalação de Válvulas de Controle e Macromedidores 1. FINALIDADE 1 / 8 SUMÁRIO: 1. FINALIDADE 2. ÂMBITO DE APLICAÇÃO 3. CONCEITOS BÁSICOS 4. PROCEDIMENTOS GERAIS 5. CONSIDERAÇÕES GERAIS 6. REFERÊNCIAS 7. ANEXOS 1. FINALIDADE Este procedimento define diretrizes básicas

Leia mais

Válvulas Criogênicas. Guia de Produtos - 2011. www.qualitecinstrumentos.com.br

Válvulas Criogênicas. Guia de Produtos - 2011. www.qualitecinstrumentos.com.br Válvulas Criogênicas Guia de Produtos - 2011 Linha de Produtos Válvulas de Segurança Industriais Fluído: Gases, vapores, fluidos e refrigerantes Diâmetro: 1/4 até 2 Temperatura: -50 C (-58 F)... +225 C

Leia mais

MEMORIAL DE INSTALAÇÕES HIDROSANITÁRIAS

MEMORIAL DE INSTALAÇÕES HIDROSANITÁRIAS 1 MEMORIAL DE INSTALAÇÕES HIDROSANITÁRIAS A presente especificação destina-se a estabelecer as diretrizes básicas e definir características técnicas a serem observadas para execução das instalações da

Leia mais

FABA. A nova geração - com tecnologia 100% estanque. Tecnologia para o futuro.

FABA. A nova geração - com tecnologia 100% estanque. Tecnologia para o futuro. Extra estanque devido ao efeito de corte +++ Extra estanque devido a geometria cônica da sede +++ Extra estanque devido ao significativo aumento da pressão de assentamento e maior vida útil em serviço:

Leia mais

SUPORTE LATERAL componentes. VARANDA componentes. SUPORTE LATERAL componentes. Tel: 55 11 4177-2244 plasnec@plasnec.com.br l www.plasnec.com.

SUPORTE LATERAL componentes. VARANDA componentes. SUPORTE LATERAL componentes. Tel: 55 11 4177-2244 plasnec@plasnec.com.br l www.plasnec.com. VARANDA 5 6 9 SUPORTE LATERAL 12 4 7 10 8 Código: 17010101 Descrição: Conjunto suporte lateral regulável Ø 13mm: 1 - Manopla - PA rosca M10 SS 304 2 - Arruela - M12 24mm SS 304 3 - Olhal - M10 PA M10 SS

Leia mais

Instruções complementares Bypass 72 Tubo de by-pass com sonda de medição de nível de enchimento VEGAFLEX

Instruções complementares Bypass 72 Tubo de by-pass com sonda de medição de nível de enchimento VEGAFLEX Instruções complementares Bypass 72 Tubo de by-pass com sonda de medição de nível de enchimento VEGAFLEX Descrição do produto 1 Descrição do produto O by-pass 72 é um equipamento completo para a medição

Leia mais

AULA 2 CONTEÚDO: Capítulo 3. Capítulo 5. Capítulo 6. Volume I do Livro Texto. Meios de Ligação de Tubos. Conexões de Tubulação. Juntas de Expansão

AULA 2 CONTEÚDO: Capítulo 3. Capítulo 5. Capítulo 6. Volume I do Livro Texto. Meios de Ligação de Tubos. Conexões de Tubulação. Juntas de Expansão AULA 2 Volume I do Livro Texto CONTEÚDO: Capítulo 3 Capítulo 5 Capítulo 6 Meios de Ligação de Tubos. Conexões de Tubulação. Juntas de Expansão 1 MEIOS DE LIGAÇÃO DE TUBOS PRINCIPAIS MEIOS LIGAÇÕES ROSQUEADAS

Leia mais

Válvula Globo com Fole de Vedação Norma DIN

Válvula Globo com Fole de Vedação Norma DIN Válvula Globo com Fole de Vedação Norma DIN Aplicação Para bloquear e controlar manualmente vapor saturado, ar, gases, óleo térmico, amônia, água quente, vácuo e líquidos neutros. Características Fole

Leia mais

VÁLVULAS INDUSTRIAIS

VÁLVULAS INDUSTRIAIS VÁLVULAS DE BRONZE VÁLVULAS INDUSTRIAIS Haste Não Ascendente Fig. 601/602 Haste Não Ascendente Fig. 600 Haste Ascendente Fig. 603 Tampa roscada externamente ao corpo até 3 na medida de 4 Corpo, tampa e

Leia mais