TUBOS DE PROTEÇÃO TUBOS DE PROTEÇÃO

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "TUBOS DE PROTEÇÃO TUBOS DE PROTEÇÃO"

Transcrição

1 TUBOS METÁLICOS São feitos em metal (normalmente aço inox), fechado em uma das extremidades através de solda ou caldeamento, e, quase sempre rosqueado na outra parte e fixo ao. TUBOS CERÂMICOS São muito aplicados como proteção dos termopares nobres (tipos S - R - B ). A fixação ao é feita por meio de luva metálica com rosca presa ao tubo por cimento refratário. TUBOS DE PROTEÇÃO Tem como finalidade proteger os termopares contra as possiveis contaminações ou outras agressões que a maioria dos s submete ao sensor. Na especificação de proteção devem ser levadas em consideração as condições de uso, como: temperatura - tipo de fluído - resistência mecânica - velocidade de resposta - corrosão - etc. São divididos em dois tipos: metálicos e cerâmicos. LUVA METÁLICA CIMENTO REFRAT. TUBO CERÂMICO SIMPLES LUVA METÁLICA CIMENTO REFRAT. TUBO CERÂMICO DUPLO TUBOS METÁLICOS TUBOS CERÂMCIOS MATERIAL Aço Inox 0 Aço Inox 0 Aço Inox Aço Cromo Aço Carbono Alloy 00 Ferro Preto Nodular Perlítico Cerâmica Tipo 0 Cerâmica Tipo 0 Carbureto de Silício Carbureto de Silício recristaliz. TEMPER. TRABALHO Até 00ºC Até 00ºC Até 00ºC Até 00ºC Até 0ºC Até 0ºC Até 00ºC Até 00ºC Até 0ºC Até 00ºC Até 00ºC Até 0ºC CARACTERÍSTICAS Um dos materiais mais usados em temperaturas médias. Resiste à corrosão, mas não é indicado em atmosferas redutoras ou sulfurosas, pois reduz a resistência à corrosão. Excelente resistência à corrosão e oxidação. Maior resistência mecânica que o aço inox 0,quando em altas temperaturas. Aplicável em atmosferas redutoras ou sulfurosas Demonstra qualidades de resistência superiores ao aço inox 0 em ambientes que contenham acidos álcalis, sulfúricos e também resistência ao calor. Recomendado para altas temperaturas. Possui excelente resistência à oxidação e a corrosão, a acidos e a maioria dos ambientes com atmosferas agressivas. Sua resistência à corrosão é menor que os outros materiais. Pode ser utilizado em atmosferas redutoras ou oxidantes, porém, por período de tempo menor. Com excelente resistência mecânica é recomendado para uso em altas temperaturas, porém, em ambientes onde não contenham atmosfera sulfurosa acima de 00ºC Para ser utilizado em atmosferas neutras, onde não sofram ataques de corrosão Uso recomendado em metais não ferrosos, como: zinco e alumínio Material não poroso com ótima resistência mecânica e excelente condução térmica. Sua composição é 0% de alumina e 0% de sílica. Sensível à choque térmico. Com características superiores ao da cerâmica 0 em relação a resistência mecânica e condução térmica.contém % de alumina. Também sensível à choque térmico. Este apresenta excelente resistência à choques térmicos e alta condução térmica. Possui baixa resistência mecânica e porosidade acentuada. Resistente à choque térmico e baixa porosidade o torna melhor que o de carbureto de silício. Usado em vários tipos de acidos e metais líquidos. Baixa resistência mecânica

2 Série TP-000 Série TP-000 Série TP-000 da conexão da 0- Inox 0 - Inox - Aço Cromo 00- Alloy Nodular Perlítico 00-,0/, 00-,0/, 00-,0/,0 00-,0/,0 00-0,0/,0 0-,/ 0, -,/, -,/,0 -,/, -,/, 00-0,0/, 00-,/, 0B- BSP B- / BSP B- / BSP B- / BSP ou 000- Sem rosca 0N- N- / N- / N- / ou BSP 0- Inox Latão 0 da conexão dimensão U isolação do rabicho R do rabicho R terminal de ligação Para enviar 0- Inox Latão - PVC/ PVC - Silicone/ Silicone - Teflon/ Teflon - Fibra/ Fibra com trança cobre estanhado - Fibra/ fibra com trança em aço inox - Fibra/ Fibra F- Flexível R- Rígido 000- S/ Terminal CM- Conector CF- Conector Femea MM- Mini conector MF- Mini conector femea TA- Terminal tipo agulha (padrão) TO- Terminal tipo olhal TF- Terminal tipo forquilha Para enviar em EXEMPLO PARA CODIFICAÇÃO: 0 TP B B 00 TUBO INOX 0 DIM U 000mm Ø mm ROSCA AO CABEÇOTE / BSP, BUCIM AJUSTÁVEL / LATÃO

3 Série TP Série TP norma da da 0- Inox 0 - Inox - Aço Cromo 00- Alloy Nodular Perlítico 0-,/ 0, -,/, -,/,0 -,/, -,/, 00-0,0/, 00-,/, 0B- BSP B- / BSP B- / BSP ou I- ANSI B, II- DIN III- JIS Flange ajustável ou especificar o nominal da classe de pressão 0 tipos de face acabamento/ faceamento do terminal de ligação A- 0 lbs B- 00 lbs C- 00 lbs D- 00- lbs E- 00 lbs PL- Plana RE- C/ ressalto AV- C/ anel de vedação RC- Ranhura Concêntrica RS- Ranhura Espiral LI- Lisa FF- Ferro fundido AL- Alumínio 0- Inox 0 - Aço Cromo 00- Alloy 00 Para enviar 000- S/ Terminal CM- Conector CF- Conector Femea MM- Mini conector MF- Mini conector femea TA- Terminal tipo agulha (padrão) TO- Terminal tipo olhal TF- Terminal tipo forquilha Para enviar em

4 Série TP Série TP da 0- Tipo 0 (0% Alumina) - Tipo,/ Alumina) 0- Carbureto 0- Carbureto Obs.: Dimensão G Padrão do fabricante A- 0x0* B- x* C- x* D- 0x0** E- x0** F- x** G- x*** *Válido para o Tipo 0 **Válido para o Tipo ***Válido para os Tipos Carbureto de Silício e Carbureto 0B- BSP B- / BSP B- / BSP ou 0N- N- / N- / ou BSP 0 da conexão dimensão U isolação do rabicho R do rabicho R terminal de ligação Para enviar 0- Inox Latão - PVC/ PVC - Silicone/ Silicone - Teflon/ Teflon - Fibra/ Fibra com trança cobre estanhado - Fibra/ fibra com trança em aço inox - Fibra/ Fibra F- Flexível R- Rígido 000- S/ Terminal CM- Conector CF- Conector Femea MM- Mini conector MF- Mini conector femea TA- Terminal tipo agulha (padrão) TO- Terminal tipo olhal TF- Terminal tipo forquilha Para enviar em

5 Série TP Série TP norma da da 0- Tipo 0 (0% Alumina) - Tipo,/ Alumina) 0- Carbureto 0- Carbureto Obs.: Dimensão G Padrão do fabricante A- 0x0* B- x* C- x* D- 0x0** E- x0** F- x** G- x*** *Válido para o Tipo 0 **Válido para o Tipo ***Válido para os Tipos Carbureto de Silício e Carbureto 0B- BSP B- / BSP B- / BSP ou I- ANSI B, II- DIN III- JIS Flange ajustável ou especificar o nominal da classe de pressão 0 tipos de face acabamento/ faceamento do A- 0 lbs B- 00 lbs C- 00 lbs D- 00- lbs E- 00 lbs PL- Plana RE- C/ ressalto AV- C/ anel de vedação RC- Ranhura Concêntrica RS- Ranhura Espiral LI- Lisa FF- Ferro fundido AL- Alumínio 0- Inox 0 - Aço Cromo 00- Alloy 00 Para enviar Para enviar em

6 Série TP da proteção H proteção H proteção H da 0- Tipo 0 (0% Alumina) - Tipo,/ Alumina) 0- Carbureto 0- Carbureto A- 0x0* B- x* C- x* D- 0x0** E- x0** F- x** G- x*** *Válido para o Tipo 0 **Válido para o Tipo ***Válido para os Tipos Carbureto de Silício e Carbureto B- / BSP ou -,/,0 0 acabamento/ faceamento do Para enviar FF- Ferro fundido AL- Alumínio 0- Inox 0 - Aço Cromo 00- Alloy 00 Para enviar Para enviar em

bainha pote fio do termoelétrico solda do rabicho CARACTERÍSTICAS

bainha pote fio do termoelétrico solda do rabicho CARACTERÍSTICAS junta de medida bainha pote resina plug de fechamento isolação mineral fio do termoelétrico solda do rabicho rabicho TIPOS DE TERMOPARES: São: T, J, K, E, N na versão simples, duplo ou triplo isolados

Leia mais

TERMORESISTÊNCIA. pote. resina. rabicho. solda do. rabicho. pote. resina. rabicho. solda do. rabicho

TERMORESISTÊNCIA. pote. resina. rabicho. solda do. rabicho. pote. resina. rabicho. solda do. rabicho TERMORESISTÊNCIA GRÁFICO DEMONSTRATIVO DOS DESVIOS NAS TERMORESISTÊNCIAS CLASSES A e B TOLERÂNCIA ºC,,,0,,,,,0,,,,,0 0, 0, 0, 0, TERMORESISTÊNCIA CLASSE B TERMORESISTÊNCIA CLASSE A -00-00 0,0 00 00 00

Leia mais

PROJETOS EM INSTRUMENTAÇÃO E AUTOMAÇÃO INSTRUMENTAÇÃO - TEMPERATURA

PROJETOS EM INSTRUMENTAÇÃO E AUTOMAÇÃO INSTRUMENTAÇÃO - TEMPERATURA MÉTODO DE MEDIÇÃO Podemos dividir os medidores de temperatura em dois grandes grupos, conforme a tabela abaixo: 1º grupo (contato direto) Termômetro à dilatação de líquidos de sólido Termômetro à pressão

Leia mais

TEMPERATURA PT100 TERMÔRESISTENCIAS POÇOS TRANSMISSORES. www.temperuniao.com.br vendas@temperuniao.com.br

TEMPERATURA PT100 TERMÔRESISTENCIAS POÇOS TRANSMISSORES. www.temperuniao.com.br vendas@temperuniao.com.br TEMPERATURA TERMÔRESISTENCIAS S TRANSMISSORES PT100 SIMBOLO DE GARANTIA R INDÚSTRIA DE TERMÔMETROS E MANÔMETROS TEMPER UNIÃO Ltda TERMÔMETROS - MANÔMETROS - SENSORES 11 26931188 www.temperuniao.com.br

Leia mais

Validade: Os valores e medidas apresentadas são válidas salvo erro de edição e são sujeitos a alteração sem aviso prévio. Validade dos Preços: salvo

Validade: Os valores e medidas apresentadas são válidas salvo erro de edição e são sujeitos a alteração sem aviso prévio. Validade dos Preços: salvo TUBOS INOX Validade: Os valores e medidas apresentadas são válidas salvo erro de edição e são sujeitos a alteração sem aviso prévio. Validade dos Preços: salvo erro de edição, os preços são válidos para

Leia mais

Salvi Casagrande. Calibração e Assistência Técnica

Salvi Casagrande. Calibração e Assistência Técnica Uma empresa genuinamente brasileira, atua desde 9 no ramo de MEDIÇÃO E INSTRUMENTAÇÃO. Com imensa variedade de produtos de alta tecnologia, atende os segmentos da indústria nacional, nas áreas de vendas,

Leia mais

MEDIÇÃO, INSTRUMENTAÇÃO E CONTROLE SENSORES DE TEMPERATURA TERMOPARES - TERMORRESSISTÊNCIA PT 100 - TRANSMISSORES

MEDIÇÃO, INSTRUMENTAÇÃO E CONTROLE SENSORES DE TEMPERATURA TERMOPARES - TERMORRESSISTÊNCIA PT 100 - TRANSMISSORES MEDIÇÃO, INSTRUMENTAÇÃO E CONTROLE Eficiência e Tecnologia no fornecimento de Medição, Instrumentação e Controle. SENSORES DE TEMPERATURA TERMOPARES - TERMORRESSISTÊNCIA PT 100 - TRANSMISSORES GRÁFICO

Leia mais

Nº DE REFERÊNCIA NK NKF-T-20-FF NKF-T-24-PP NKF-T-24-FF NKF-J-16-AA NKF-J-16-PP NKF-J-20-FF NKF-J-24-FF NKF-K-16-AA NKF-K-16-FF NKF-K-16-PP

Nº DE REFERÊNCIA NK NKF-T-20-FF NKF-T-24-PP NKF-T-24-FF NKF-J-16-AA NKF-J-16-PP NKF-J-20-FF NKF-J-24-FF NKF-K-16-AA NKF-K-16-FF NKF-K-16-PP FIOS E CABOS DE COMPENSAÇÃO FIOS DE COMPENSAÇÃO (RÍGIDO) LIGA Cobre Constantan* * Tipo T Ferro Constantan* * Tipo J Chromel* * Alumel* * Tipo K Platina Rhodium - Platina Tipos S/R TEMP. MAX. DE UTILI-

Leia mais

Termopares Convencionais I

Termopares Convencionais I Termopares Convencionais I Introdução Definimos Termopares como sensores de medição de temperatura que são constituídos por dois condutores metálicos e distintos, puros ou homogêneos. Em uma de suas extremidades

Leia mais

TC501 componentes. Cabeçote de conexão tipo B

TC501 componentes. Cabeçote de conexão tipo B TE 65.30 Termopares Modelo reto com inserto de medição substituível Medição Eletrônica de Temperatura para medição de gás de combustão Modelo TC 501 Aplicações - altos fornos, aquecedores de ar - processos

Leia mais

TERMOPARES. Termopar Convencional. Termopar isolação mineral. Termopares Especiais. ECILplast

TERMOPARES. Termopar Convencional. Termopar isolação mineral. Termopares Especiais. ECILplast TERMOPARES Termopar Convencional Termopar isolação mineral Termopares Especiais ECILplast t er mo p a re s TERMOPAR CONVENCIONAL PARES TERMOELÉTRICOS TIPO BITOLA AWG POSITIVO REFERÊNCIA NEGATIVO REFERÊNCIA

Leia mais

TERMÔMETROS - MANÔMETROS - SENSORES

TERMÔMETROS - MANÔMETROS - SENSORES TERMÔMETROS - MANÔMETROS - SENSORES METAL LIMPO CONEXÕES SANITÁRIAS LTDA. Rua Sarg. Jeter Augusto Pereira, 341 Pq. Novo Mundo 02188-070 São Paulo SP Brasil Fone: +55 (11) 2636-5773 / +55 (11) 2207-7476

Leia mais

CONEXÕES FLANGES VÁLVULAS JUNTAS DE EXPANSÃO INSTRUMENTAÇÃO. catálogo

CONEXÕES FLANGES VÁLVULAS JUNTAS DE EXPANSÃO INSTRUMENTAÇÃO. catálogo CONEXÕES FLANGES VÁLVULAS JUNTAS DE EXPANSÃO INSTRUMENTAÇÃO catálogo Válvulas de Ferro e Aço Válvulas de Bronze Tipos: Agulha Alívio Angular Borboleta Descarga de Caldeira Diafragma Esfera Gaveta Globo

Leia mais

Produto Descricao Unidade Qtde.1a.U.M.PREÇO 00.025.00.50037 FIO CROMO 80/20 - D 2.00MM KG 28,00 00.025.00.50009 FIO 80/20 - D 0.6.

Produto Descricao Unidade Qtde.1a.U.M.PREÇO 00.025.00.50037 FIO CROMO 80/20 - D 2.00MM KG 28,00 00.025.00.50009 FIO 80/20 - D 0.6. Produto Descricao Unidade Qtde.1a.U.M.PREÇO 00.025.00.50037 FIO CROMO 80/20 - D 2.00MM KG 28,00 00.025.00.50009 FIO 80/20 - D 0.6.44MM (B&S 22) KG 13,19 00.025.00.50111 FIO A1 D 2.906 N 9 KG 13,00 00.025.00.51112

Leia mais

RESITEC reserva-se o direito de alterar ou substituir qualquer produto/ especificação constante deste catálogo sem aviso prévio.

RESITEC reserva-se o direito de alterar ou substituir qualquer produto/ especificação constante deste catálogo sem aviso prévio. 1 2 Índice Índice 3 Resitec 4.. Termopar 4 s de s 5 Classes de tolerância e tipos de configuração Tipos de isolamento/ construção 7 Código de cores 10 TC.002 11 TC.003 12 TC.004 13 TC.00 14 TC.007 15 TC.009

Leia mais

V-PAD Termopares para superfície de tubos Modelo TC59-V

V-PAD Termopares para superfície de tubos Modelo TC59-V Medição Elétrica de Temperatura V-PAD Termopares para superfície de tubos Modelo TC59-V Folha de dados WIKA TE 65.59 Aplicações Indústrias Químicas Aplicações com vapor super aquecido Refinarias Fornos

Leia mais

CARACTERÍSTICAS DOS TERMOPARES

CARACTERÍSTICAS DOS TERMOPARES CARACTERÍSTICAS DOS TERMOPARES A escolha de um termopar para um determinado serviço, deve ser feita considerando todas as possíveis variáveis e normas exigidas pelo processo, portanto fornecemos alguns

Leia mais

ANALISADORES DE GASES

ANALISADORES DE GASES BGM BOMBA DE SUCÇÃO SÉRIE COMPACTA ANALISADORES DE GASES Descrição: Gera uma depressão no processo, succionando a amostra e criando a vazão exata para atender o tempo necessário de condicionamento do gás

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DOS COMPONENTES DO CRM COM MEDIDOR TIPO DIAFRAGMA (G4, G6, G10 ou G16) Í N D I C E D E R E V I S Õ E S

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DOS COMPONENTES DO CRM COM MEDIDOR TIPO DIAFRAGMA (G4, G6, G10 ou G16) Í N D I C E D E R E V I S Õ E S USUÁRIO: CEGÁS FOLHA: 1 de 5 OBJETO: AMPLIAÇÃO DA REDE DE DISTRIBUIÇÃO DE GÁS NATURAL OBRA. Í N D I C E D E R E V I S Õ E S REV. DESCRIÇÃO E/OU FOLHAS ATINGIDAS 0 A B EMISSÃO PARA APROVAÇÃO ATENDENDO COMENTÁRIOS

Leia mais

CATÁLOGO TÉCNICO VÁLVULAS E FILTROS INDUSTRIAIS PRODUTOS COM QUALIDADE E SEGURANÇA

CATÁLOGO TÉCNICO VÁLVULAS E FILTROS INDUSTRIAIS PRODUTOS COM QUALIDADE E SEGURANÇA CATÁLOGO TÉCNICO S E FILTROS INDUSTRIAIS PRODUTOS COM QUALIDADE E SEGURANÇA ÍNDICE S FIG. PÁG. Gaveta HA FoFo FLG ANSI - 125# - V.B. 10 1 Gaveta HA FoFo FLG ANSI - 125# - V.I. 11 2 Gaveta HA WCB FLG ASME

Leia mais

Catálogo Técnico. www.novema.com.br

Catálogo Técnico. www.novema.com.br Catálogo Técnico 2014 www.novema.com.br ÍNDICE VÁLVULAS: Fig. Pág. Gaveta HA FoFo FLG ANSI 125 LBS VB NVM 01 F 04 Gaveta HA FoFo FLG ANSI 125 LBS VI NVM 02 F 05 Gaveta HA WCB FLG ANSI 150 LBS NVM 03 06

Leia mais

LONA DE FREIO PEÇAS ESPECIAIS

LONA DE FREIO PEÇAS ESPECIAIS GAXETAS SECAS MANTA E TECIDO DE FIBRA CERÂMICA GAXETAS IMPREGNADAS FITAS CORTIÇA J U N T A E S P I R A L A D A FELTRO J U N T A D E V E D A Ç Ã O PAPELÃO HIDRAÚLICO F I T A P A T E N T E T E F L O N JUNTA

Leia mais

TRIUNION INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA. Rev.7 1/10

TRIUNION INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA.  Rev.7 1/10 Rev.7 1/10 ÍNDICE VÁLVULAS DE ESFERA SÉRIES 400E & 500E TÓPICOS PÁGINAS VÁLVULAS DE ESFERA X 400E F 1000 LBS 500E F 5000 LBS 3 VÁLVULAS DE ESFERA X 400E MF 1000 LBS 500E MF 5000 LBS 4 VÁLVULAS DE ESFERA

Leia mais

Manual de Instruções. Poços de Proteção. Exemplos

Manual de Instruções. Poços de Proteção. Exemplos Manual de Instruções oços de roteção Exemplos Manual de Instruções de oços de roteção ágina 3-11 2 Índice Índice 1. Instruções de segurança 4 2. Descrição 4 3. Condições de instalação e instalação 5 4.

Leia mais

Conectores / Adaptadores

Conectores / Adaptadores Conectores / Adaptadores Rev.10 1/20 ÍNDICE CONECTORES/ADAPTADORES PARA SOLDA CBW CFSW CW LBW LW TSW UDS UFSW UMSW USW TÓPICO PÁGINAS CBW CONECTOR PARA SOLDA DE TOPO 4 CFSW CONECTOR FÊMEA PARA SOLDA DE

Leia mais

Manômetros de 100 e 150mm Standard ou com Glicerina

Manômetros de 100 e 150mm Standard ou com Glicerina Manômetros de 100 e 150mm Standard ou com Glicerina Aplicação Foram desenvolvidos para indicarem com precisão a pressão que se quer monitorar nas linhas de vapor, gases ou líquidos, e em equipamentos.

Leia mais

Catálogo Técnico VÁLVULAS INDUSTRIAIS

Catálogo Técnico VÁLVULAS INDUSTRIAIS Catálogo Técnico VÁLVULAS INDUSTRIAIS VÁLVULA FERRO CLASSE GAVETA FUNDIDO 15 Válvula gaveta em ferro fundido ASTM A 16 B; classe 15 lbs; haste ascendente com rosca trapezoidal externa e castelo aparafusado

Leia mais

Super leve e econômico Muito resistente Corpo em zamac cromado ou zincado ESGUICHO. Corpo em zamac Ajuste contínuo desde a jato até chuvisco

Super leve e econômico Muito resistente Corpo em zamac cromado ou zincado ESGUICHO. Corpo em zamac Ajuste contínuo desde a jato até chuvisco 01 REVÓLVER PINTADO 02 REVÓLVER CROMADO 03 REVÓLVER MINI 08 09 TIPO MAXI Pino para engate rápido JET GARDEN 04 Corpo em zamac pintado Agulha em latão DO BICO TIPOS 11701PR Pintado 11702PR Pintado 11704PR

Leia mais

Chaves posicionadoras eletromecânicas múltiplas e simples

Chaves posicionadoras eletromecânicas múltiplas e simples e Conteúdo. 00 conf. DIN 43697.4 6.6 6.8 7.0 46. 40 eletromecânicas.4 F 60 conf. DIN 43693.6 99 00 s s múltiplas 00 6 6 7 46 40 s s F 60 99 00 Acessórios Peças de reposição. múltiplas conf. DIN 43697 para

Leia mais

E-mail: vendas@unicompbrasil.com.br Site: www.unicompbrasil.com.br

E-mail: vendas@unicompbrasil.com.br Site: www.unicompbrasil.com.br UNICOMP COM. DE EQUIPAMENTOS PNEUMÁTICOS LTDA. Rua Leopoldo de Passos Lima, 238 Jardim Santa Fé. CEP.: 05271-000 São Paulo SP. Telefones: (11) 3911-4665 / 4682 E-mail: vendas@unicompbrasil.com.br Site:

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES Válvula de agulha Conexão roscada segundo. Asme b1 20.1 (NPT) Din 2.999 & Bs 21 Iso 228/1 & Iso 7/1 6000 Psi Padrão Fire-Safe.

ESPECIFICAÇÕES Válvula de agulha Conexão roscada segundo. Asme b1 20.1 (NPT) Din 2.999 & Bs 21 Iso 228/1 & Iso 7/1 6000 Psi Padrão Fire-Safe. 01/66 FIG.Nº.:AG-01 Bitola 1/8 á 1. Válvula de agulha Conexão roscada segundo. Asme b1 20.1 (NPT) Din 2.999 & Bs 21 Iso 228/1 & Iso 7/1 6000 Psi Padrão Fire-Safe. Nº NOMES DAS PARTES CONSTRUÇÃO 01 TRAVA

Leia mais

ACESSÓRIOS AR COMPRIMIDO

ACESSÓRIOS AR COMPRIMIDO ACESSÓRIOS AR COMPRIMIDO 4 200.290.00480 PC Válvula POP 6 200.290.01333 PC 4 200.160.00503 PC Anel de Vedação para Válvula POP 6 200.160.01326 PC É utilizada para fazer a vedação da máquina de jato no

Leia mais

Recomendações para aumento da confiabilidade de junta de expansão de fole com purga de vapor

Recomendações para aumento da confiabilidade de junta de expansão de fole com purga de vapor Recomendações para aumento da confiabilidade de junta de expansão de fole com purga de vapor 1. Junta de expansão de fole com purga de vapor d água Em juntas de expansão com purga da camisa interna, para

Leia mais

TRIUNION INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA. www.triunion.com.br. Rev. 5 1/27

TRIUNION INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA. www.triunion.com.br. Rev. 5 1/27 Rev. 5 1/27 ÍNDICE VÁLVULAS SÉRIES 400 1400 TÓPICO PÁGINAS 400 F VÁLVULA X 3 4 400 FA VÁLVULA ANGULAR 5 6 400 FT VÁLVULA X TUBO O.D. 7 8 400 LMF VÁLVULA X LONGA 9 10 400 M VÁLVULA X 11 12 400 MF VÁLVULA

Leia mais

ST90 / ST90A PT10. Transmissor e Sensor de Temperatura

ST90 / ST90A PT10. Transmissor e Sensor de Temperatura ST90 / ST90A PT0 Transmissor e Sensor de Temperatura ST90A PT0 Características Descrição Transmisssor de Temperatura - Ideal para diversos ambientes Industriais e aplicações sanitárias. - Cabeçote em Nylon

Leia mais

CATÁLOGO 800035-A Observações sobre as fichas técnicas

CATÁLOGO 800035-A Observações sobre as fichas técnicas CATÁLOGO 800035-A sobre as fichas técnicas Os dados constantes nas fichas técnicas a seguir podem sofrer alterações sem prévio aviso. Alguns modelos possuem pequenas alterações em seus projetos construtivos,

Leia mais

PEÇAS E ACESSÓRIOS PARA ELETRODUTOS

PEÇAS E ACESSÓRIOS PARA ELETRODUTOS Poliwetzel XPW Poliwetzel LPW CAIXA DE DERIVAÇÃO POLIWETZEL A linha Poliwetzel é fabricada em liga de alumínio silício de alta resistência mecânica. Parafusos em aço zincados eletroliticamente e bicromatizados.

Leia mais

PEÇAS E ACESSÓRIOS PARA ELETRODUTOS

PEÇAS E ACESSÓRIOS PARA ELETRODUTOS O bom desempenho de um eletricista se revela com o passar do tempo. Isto porque uma boa instalação elétrica é aquela que permite a manutenção futura com rapidez, segurança e economia. Nesse ponto a utilização

Leia mais

Normas Atendidas. Tubos de aço carbono, sem costura, trefilados a frio, para permutadores de calor ou condensadores.

Normas Atendidas. Tubos de aço carbono, sem costura, trefilados a frio, para permutadores de calor ou condensadores. 4 Empresa Certificada ISO 9001 Distribuição de Tubos em Aço Carbono Tubos sem Costura Tubos de aço sem costura são utilizados em aplicações como cilindros hidráulicos, componentes de transmissão, oleodutos,

Leia mais

C HAVE FUSÍVEL T IPO MZ PARA DISTRIBUIÇÃO

C HAVE FUSÍVEL T IPO MZ PARA DISTRIBUIÇÃO C HAVE FUSÍVEL T IPO MZ PARA DISTRIBUIÇÃO A Chave fusível tipo MZ foi desenvolvida para operar em redes de distribuição com tensões de 15, 27 e 38 kv. Especialmente projetada para proteger transformadores,

Leia mais

ANEXO A MATERIAIS ENGENHARIA DE VÁLVULAS E EQUIP. LTDA

ANEXO A MATERIAIS ENGENHARIA DE VÁLVULAS E EQUIP. LTDA MATERIAIS ANEXO A Pág. - Tabela 1: Limites de temperatura de uso para os materiais... A1 - Tabela 2: Ratings e pressões de teste para válvulas: Materiais do Grupo 1.1... A3 - Tabela 3: Ratings e pressões

Leia mais

V Á L V U L A S SÉRIE 2700

V Á L V U L A S SÉRIE 2700 V Á L V U L A S SÉRIE 2700 Válvulas de agulha compactas de alta confiabilidade e versatilidade para controle de processos e uso geral na indústria. As modernas válvulas de agulha Série 2700 da Detroit

Leia mais

SISTEMA ECO PIPE ALCANCE GLOBAL, SOLUÇÕES ESPECÍFICAS

SISTEMA ECO PIPE ALCANCE GLOBAL, SOLUÇÕES ESPECÍFICAS SISTEMA ECO PIPE ALCANCE GLOBAL, SOLUÇÕES ESPECÍFICAS Características técnicas: Temperatura trabalho: - C a +70 C Pressão de trabalho: -0,13 a 13 bar Material: Tubo de alumínio estrudado sem costura, passagem

Leia mais

CATÁLOGO DE PRODUTOS

CATÁLOGO DE PRODUTOS CATÁLOGO DE PRODUTOS Índice 1.0 Conexões Pneumática Instantâneas...... 4 1.1 - Redutores... 7 1.2 Válvulas Manuais... 8 2.0 Acessórios Pneumáticos... 8 3.0 Válvulas Mecânicas... 10 3.1 Piloto... 10 3.2

Leia mais

SUPORTE LATERAL componentes. VARANDA componentes. SUPORTE LATERAL componentes. Tel: 55 11 4177-2244 plasnec@plasnec.com.br l www.plasnec.com.

SUPORTE LATERAL componentes. VARANDA componentes. SUPORTE LATERAL componentes. Tel: 55 11 4177-2244 plasnec@plasnec.com.br l www.plasnec.com. VARANDA 5 6 9 SUPORTE LATERAL 12 4 7 10 8 Código: 17010101 Descrição: Conjunto suporte lateral regulável Ø 13mm: 1 - Manopla - PA rosca M10 SS 304 2 - Arruela - M12 24mm SS 304 3 - Olhal - M10 PA M10 SS

Leia mais

TRIUNION INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA. www.triunion.com.br. Rev.4(4) 1/19

TRIUNION INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA. www.triunion.com.br. Rev.4(4) 1/19 Rev.4(4) 1/19 ÍNDICE VÁLVULAS PARA PAINEL SÉRIES 200P 300P 400P TÓPICOS PÁGINAS 200 P* MINIVÁLVULA PARA PAINEL 3 4 300 TP MINIVÁLVULAS 3 VIAS PARA PAINEL 5 6 400 FP VÁLVULA X PARA PAINEL 7 8 400 MFAP VÁLVULA

Leia mais

V Á L V U L A S. MANIFOLD Série 2700 LAMINADO

V Á L V U L A S. MANIFOLD Série 2700 LAMINADO V Á L V U L A S MANIFOLD Série 2700 LAMINADO Índice Informações gerais... 02 Manifold de 2 vias... 04 Manifold de 3 vias... 09 Manifold de 5 vias... 12 Suporte... 15 1 As modernas válvulas Manifold Série

Leia mais

5 CONDIÇÕES ESPECÍFICAS 5.1 Material: A armação da caixa deve ser feita com cantoneiras de aço-carbono, ABNT 1010 a 1020, laminado.

5 CONDIÇÕES ESPECÍFICAS 5.1 Material: A armação da caixa deve ser feita com cantoneiras de aço-carbono, ABNT 1010 a 1020, laminado. CAIXA DE MEDIÇÃO EM 34, kv 1 OBJETIVO Esta Norma padroniza as dimensões e estabelece as condições gerais e específicas da caixa de medição a ser utilizada para alojar TCs e TPs empregados na medição de

Leia mais

WATTCRON SUA MELHOR OPÇÃO EM AQUECIMENTO INDUSTRIAL

WATTCRON SUA MELHOR OPÇÃO EM AQUECIMENTO INDUSTRIAL WATTCRON SUA MELHOR OPÇÃO EM AQUECIMENTO INDUSTRIAL SOBRE A WATTCRON Fundada em 1997 com sede própria na rua Gonçalves Dias, 69 - Catumbi - São Paulo - SP. A Wattcron tem o compromisso com a qualidade

Leia mais

Montagem de cabo coaxial digital

Montagem de cabo coaxial digital Montagem de cabo coaxial digital No Módulo 2 de nosso curso discutimos as vantagens e desvantagens de técnicas de montagem utilizando solda ou processo de crimpagem. Na ocasião, todos os presentes puderam

Leia mais

CCL. Manual de Instruções. CHAVE DE NÍVEL Tipo Condutiva TECNOFLUID

CCL. Manual de Instruções. CHAVE DE NÍVEL Tipo Condutiva TECNOFLUID Português CCL CHAVE DE NÍVEL Tipo Condutiva Manual de Instruções Leia este manual atentamente antes de iniciar a operação do seu aparelho. Guarde-o para futuras consultas. Anote o modelo e número de série

Leia mais

isto é Magnet! 50 anos priorizando a qualidade,

isto é Magnet! 50 anos priorizando a qualidade, Catálogo 2012 50 anos priorizando a qualidade, isto é Magnet! Em 2012, a Magnet completa 50 anos de atividades, história que começou com a sua fundação, em 1962, na cidade de São Paulo, com uma produção,

Leia mais

Material Cabeçote Polipropileno Eixo Aço inox 316 Mat. do tubo da bomba. Adaptadores G/2 G 1½ Altura de descarga 4 m 0,3-0,45 l/curso Vazão

Material Cabeçote Polipropileno Eixo Aço inox 316 Mat. do tubo da bomba. Adaptadores G/2 G 1½ Altura de descarga 4 m 0,3-0,45 l/curso Vazão JP 02/ JP 03 Bombas manuais JP-02 e JP-03 são adequadas para quase todos os fluidos líquidos especialmente para ácidos, soluções alcalinas e álcool (50%) e produtos químicos à base de água. Esta não é

Leia mais

ISOLANTES TÉRMICOS. Isolantes Térmicos e Refratários LTDA. catalogofinal25.05.indd 1 25/5/2010 12:56:00

ISOLANTES TÉRMICOS. Isolantes Térmicos e Refratários LTDA. catalogofinal25.05.indd 1 25/5/2010 12:56:00 ISOLANTES TÉRMICOS Isolantes Térmicos e Refratários LTDA. catalogofinal25.05.indd 1 25/5/2010 12:56:00 catalogofinal25.05.indd 2 25/5/2010 12:56:01 ÍNDICE Apresentação 5 Tecido de fibra de vidro 6 Fio

Leia mais

CONJUNTOS DE FACAS DE AR WINDJET

CONJUNTOS DE FACAS DE AR WINDJET CONJUNTOS DE FACAS WINDJET CONJUNTO DE FACAS WINDJET SOPRADORES CONJUNTOS DE FACAS WINDJET SUMÁRIO Página Visão geral dos pacotes de facas de ar Windjet 4 Soprador Regenerativo 4 Facas de ar Windjet 4

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS GERAIS

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS GERAIS Armários Construídos em madeira compensada laminada do tipo virola naval de 15 mm de espessura, revestido internamente laminado melamínico liso e externamente em laminado melamínico texturizado. Os que

Leia mais

E-mail: vendas@bratal.com.br

E-mail: vendas@bratal.com.br CENTRAL DE VENDAS Consulte-nos pelo fone/fax : (19) 341.0081 E-mail: vendas@bratal.com.br 603 - Tubos 01 ESCOLHA ADEQUADA DA TUBULAÇÃO.... 1 DIAGRAMA TEÓRICO PARA CÁLCULO DE TUBULAÇÕES...........................

Leia mais

MATERIAIS EMPREGADOS NAS REDES DE ESGOTOS SANITÁRIOS

MATERIAIS EMPREGADOS NAS REDES DE ESGOTOS SANITÁRIOS MATERIAIS EMPREGADOS NAS REDES DE ESGOTOS SANITÁRIOS 1 - INTRODUÇÃO. A escolha do material a empregar (tipo de tubulação) nas redes coletoras de esgotos sanitários é função das características dos esgotos,

Leia mais

Informações Gerais Trocadores de Calor / Chiller de Placas

Informações Gerais Trocadores de Calor / Chiller de Placas Informações Gerais Trocadores de Calor / Chiller de Placas Somos especializados em trocadores de calor e importamos desde 2009. Eles são fabricados sob a supervisão de um técnico nosso e foram adaptados

Leia mais

vendas1@juntasamf.com.br

vendas1@juntasamf.com.br À Sr( a) Ref.: Apresentação para Cadastro de Fornecedor Prezados Senhores, Vimos através desta, apresentar a Juntas AMF Ind. e Com. de Peças Ltda., uma empresa que já se tornou referencia no mercado de

Leia mais

FLEX VÁLVULAS E CONEXÕES

FLEX VÁLVULAS E CONEXÕES FLEX VÁLVULAS E CONEXÕES APRESENTAÇÃO FLEX VÁLVULAS E CONEXÕES FORNECIMENTO DE VÁLVULAS, CONEXÕES E ACESSÓRIOS INDUSTRIAIS. A FLEX, empresa especializada em VÁLVULAS, CONEXÕES e ACESSÓRIOS industriais,

Leia mais

VÁLVULAS MANIFOLD MANIFOLD 3 VIAS MANIFOLD 5 VIAS

VÁLVULAS MANIFOLD MANIFOLD 3 VIAS MANIFOLD 5 VIAS MANIFOLD As válvulas Manifold, produzidas pela Detroit, foram desenvolvidas e dimensionadas para tornar uma tubulação de instrumentos de diferencial de pressão mais simples, mais segura e mais confiável.

Leia mais

TRIUNION INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA. Rev.4(3) 1/8

TRIUNION INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA.  Rev.4(3) 1/8 Rev.4(3) 1/8 ÍNDICE VÁLVULAS DE RETENÇÃO (ANTI RETORNO) SÉRIE VAR TÓPICOS PÁGINAS VARF VÁLVULA DE RETENÇÃO X 3 4 VART VÁLVULA DE RETENÇÃO O.D. X O.D. 5 6 CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS 7 COMO ESPECIFICAR 8 MEDIDAS

Leia mais

Sonda de Nível Condutiva EL01~06. Detecção de nível para líquidos condutivos.

Sonda de Nível Condutiva EL01~06. Detecção de nível para líquidos condutivos. E01~06 Sonda de Nível Condutiva Detecção de nível para líquidos condutivos. Simples instalação e operação. Robusto com construção em Aço Inox. Oferece 6 pontos para controle de nível. Usada para controle

Leia mais

Megabloc Manual Técnico

Megabloc Manual Técnico Bomba Padronizada Monobloco Manual Técnico Ficha técnica Manual Técnico Todos os direitos reservados. Os conteúdos não podem ser divulgados, reproduzidos, editados nem transmitidos a terceiros sem autorização

Leia mais

ISOTRANS IND. DE TRANSFORMADORES LTDA.

ISOTRANS IND. DE TRANSFORMADORES LTDA. ISOTRANS IND. DE TRANSFORMADORES LTDA. TRANSFORMADORES MONOFÁSICOS DE ISOLAÇÃO COM BLINDAGEM APLICAÇÃO Os transformadores monofásicos de isolação com blindagens, magnética e eletrostática, foram desenvolvidos

Leia mais

Série: FBME MANUAL TÉCNICO BOMBA CENTRÍFUGA MULTIESTÁGIO FBME. Aplicação

Série: FBME MANUAL TÉCNICO BOMBA CENTRÍFUGA MULTIESTÁGIO FBME. Aplicação MANUAL TÉCNICO Série: FBME Aplicação Desenvolvida para trabalhar com líquidos limpos ou turvos, em inúmeras aplicações, tais como indústrias químicas, petroquímicas, papel, polpa, siderúrgica, mineração,

Leia mais

Válvulas Criogênicas. Guia de Produtos - 2011. www.qualitecinstrumentos.com.br

Válvulas Criogênicas. Guia de Produtos - 2011. www.qualitecinstrumentos.com.br Válvulas Criogênicas Guia de Produtos - 2011 Linha de Produtos Válvulas de Segurança Industriais Fluído: Gases, vapores, fluidos e refrigerantes Diâmetro: 1/4 até 2 Temperatura: -50 C (-58 F)... +225 C

Leia mais

Selo diafragma com conexão flangeada Com diafragma faceado ao processo Modelo 990.27

Selo diafragma com conexão flangeada Com diafragma faceado ao processo Modelo 990.27 Selo diafragma Selo diafragma com conexão flangeada Com diafragma faceado ao processo Modelo 990.27 WIKA Folha técnica DS 99.27 Outras aprovações veja página 3 Aplicações Indústria de processos químicos

Leia mais

TRIUNION INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA. Rev.5 1/16

TRIUNION INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA.  Rev.5 1/16 Rev.5 1/16 ÍNDICE VÁLVULAS AGULHA 2 VIAS COM DRENO SÉRIE 520 TÓPICO PÁGINAS 520F MANIFOLD 2 VIAS COM DRENO FÊMEA X FÊMEA 3 4 520FC MANIFOLD 2 VIAS FLANGE X ROSCA 5 6 520FCSE MANIFOLD 2 VIAS SEM EQUALIZADORA

Leia mais

Projetor AlphaLED Ex nc / Ex tb (com alojamento para driver)

Projetor AlphaLED Ex nc / Ex tb (com alojamento para driver) Projetor AlphaLED Ex nc / Ex tb (com alojamento para driver) ALEDZnC Não centelhante e à prova de jatos potentes d água. Características Construtivas Projetor para área explosiva, com corpo e tampa fabricado

Leia mais

Internacional SOLUTIONS

Internacional SOLUTIONS Internacional SOLUTIONS SILICONE NEUTRO Silicone neutro Impermeabilizante de uso profissional. Inodoro e com fungicida. ADERE EM: Madeira, concreto, tijolo, vidro, PVC, plástico, alumínio, etc. APLICAÇÃO:

Leia mais

ÍNDICE GERAL DA TABELA DE AÇO

ÍNDICE GERAL DA TABELA DE AÇO ÍNDICE GERAL DA TABELA DE AÇO Tubo e Acessórios em Aço Carbono DIN 1 Tubo e Acessórios em Aço Carbono STD... 3 Válvulas Esfera FF / Aço Carbono / Aço Inox. 5 Junta Expansão Filtros em Aço / Válvulas para

Leia mais

Sistema de condução para redes de ar comprimido, com união por termofusão. A revolução em sistema de condução para redes de ar comprimido

Sistema de condução para redes de ar comprimido, com união por termofusão. A revolução em sistema de condução para redes de ar comprimido Sistema de condução para redes de ar comprimido, com união por termofusão. A revolução em sistema de condução para redes de ar comprimido MEMBRO A tecnologia e segurança do PP-R, agora também para redes

Leia mais

CERTIFICADA ISO 9001-2008

CERTIFICADA ISO 9001-2008 CERTIFICADA ISO 9001-2008 ÍNDICE Conjuntos para ADSL & Filtros Pág 01 Eletrônica Pág 02 Emendas Pág 03 Modulares Pág 04 Extensões Pág 06 Kits Pág 09 Terminais Pág 11 Parafusos Pág 13 Régua Conectora Pág

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO DO ITEM R$

ESPECIFICAÇÃO DO ITEM R$ ANEXO 2 Planilha Orçamentária Estimativa de Quantitativos e Preços Máximos Global e Unitários LOTE ÚNICO ESPECIFICAÇÃO DO ITEM Qtde. Unitário R$ Total R$ 01 02 03 04 05 CHAVE NIVEL TIPO BOIA,ATUACAO: ALARME

Leia mais

Balfit Válvulas Hidráulicas

Balfit Válvulas Hidráulicas Válvulas Hidráulicas Balfit Balfit Válvulas Hidráulicas As válvulas hidráulicas Balfit foram concebidas para uso com conexões hidráulicas Balfit e mangueiras hidráulicas Balflex em circuitos hidráulicos

Leia mais

ÍTEM 001 OXW200 - ASPIRADOR PARA REDE DE OXIGÊNIO

ÍTEM 001 OXW200 - ASPIRADOR PARA REDE DE OXIGÊNIO SITE WVMED EQUIPAMENTOS PARA OXIGÊNIOTERAPIA ÍTEM 001 OXW200 - ASPIRADOR PARA REDE DE OXIGÊNIO Aspirador Venturi c/frasco de 500 ml oxigênio, para rede canalizada. ÍTEM 002 OXW201 - ASPIRADOR PARA REDE

Leia mais

O SPDA Estrutural é uma solução tecnológica aperfeiçoada pela Termotécnica Para-raios, com o intuito de oferecer além de segurança, ganho estético

O SPDA Estrutural é uma solução tecnológica aperfeiçoada pela Termotécnica Para-raios, com o intuito de oferecer além de segurança, ganho estético O SPDA Estrutural é uma solução tecnológica aperfeiçoada pela Termotécnica Para-raios, com o intuito de oferecer além de segurança, ganho estético para as fachadas das edificações e redução de custos,

Leia mais

CONECTORES PARA CABOS FLEXÍVEIS RAMAIS DE LIGAÇÃO E MEDIDORES

CONECTORES PARA CABOS FLEXÍVEIS RAMAIS DE LIGAÇÃO E MEDIDORES TÍTULO ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DA DISTRIBUIÇÃO CONECTORES PARA CABOS FLEXÍVEIS RAMAIS DE LIGAÇÃO E MEDIDORES CÓDIGO ESP-I-GPC-01/13 VERSÃO Nº APROVAÇÃO DATA DATA DA VIGÊNCIA R0 20/05/2013 CONTROLE DE REVISÃO

Leia mais

V Á L V U L A S SÉRIE 1800

V Á L V U L A S SÉRIE 1800 V Á L V U L A S SÉRIE 1800 As válvulas de agulha miniatura da Série 1800 foram desenvolvidas para regulagem e bloqueio de fluidos para os mais diversos tipos de aplicação em laboratórios,amostragem de

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO INSTALAÇÕES ELÉTRICAS

MEMORIAL DESCRITIVO INSTALAÇÕES ELÉTRICAS SITE: www.amm.org.br- E-mail: engenharia@amm.org.br AV. RUBENS DE MENDONÇA, N 3.920 CEP 78000-070 CUIABÁ MT FONE: (65) 2123-1200 FAX: (65) 2123-1251 MEMORIAL DESCRITIVO ELÉTRICO MEMORIAL DESCRITIVO INSTALAÇÕES

Leia mais

dmtech Booster Amplificador de Volume Descrição Características

dmtech Booster Amplificador de Volume Descrição Características Booster Amplificador de Volume Descrição O Booster - Amplificador de volume - tem como função reproduzir sinais pneumáticos com aumento da capacidade de vazão. É utilizado quando a tubulação entre o instrumento

Leia mais

Dependendo da aplicação, as juntas espirais podem ser solicitadas com anel externo e/ou interno.

Dependendo da aplicação, as juntas espirais podem ser solicitadas com anel externo e/ou interno. JUNTAS ESPIRAIS Juntas Espirais As juntas espirais são também conhecidas como juntas espirometálicas. onsistem em uma fita de metal em forma de V que forma um espiral junto com um material vedante macio.

Leia mais

GRSS. Resistance WELDING SOLDAGEM POR RESISTÊNCIA ELÉTRICA

GRSS. Resistance WELDING SOLDAGEM POR RESISTÊNCIA ELÉTRICA SOLDAGEM POR RESISTÊNCIA ELÉTRICA Princípios A soldagem por resistência elétrica representa mais uma modalidade da soldagem por pressão na qual as peças a serem soldadas são ligadas entre si em estado

Leia mais

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. Tintas Soluções para Celulose & Papel

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. Tintas Soluções para Celulose & Papel Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas Tintas Soluções para Celulose & Papel Soluções para Celulose e Papel A WEG Tintas fornece tecnologia em tintas para diversos tipos de ambientes

Leia mais

Fábrica de Nordborg - Dinamarca

Fábrica de Nordborg - Dinamarca Fábrica de Nordborg - Dinamarca Sensores de temperatura Visão Geral Nome do Aplicação Faixa de Conexão ao Saída Página produto temperatura processo MBT 5252 Geral -50 a 200ºC G 1 2 A/G 3 4 A Pt100/4-20mA

Leia mais

Trocadores de calor: Vedação é uma questão de segurança, economia e proteção ambiental.

Trocadores de calor: Vedação é uma questão de segurança, economia e proteção ambiental. Trocadores de calor: Vedação é uma questão de segurança, economia e proteção ambiental. O mercado e diretrizes de empresas apontam cada vez mais para investimentos no sentido de reverter situações de contaminação

Leia mais

BOMBA CENTRÍFUGA FBRL20B MONO-ESTÁGIO

BOMBA CENTRÍFUGA FBRL20B MONO-ESTÁGIO BOMBA CENTRÍFUGA FBRL20B MONO-ESTÁGIO MANUAL TÉCNICO Série: FBRL20B Aplicação Desenvolvida para trabalhar com líquidos limpos ou turvos, em inúmeras aplicações, tais como indústrias químicas, petroquímicas,

Leia mais

Informação de Produto

Informação de Produto Serie: Modelos: PTA / CI.100 / CI.114 PRAT Pressostato TRAT Termostato APLICAÇÃO: Os pressostatos e termostatos da serie PRAT e TRAT são instrumentos precisos e robustos, seu mecanismo de atuação possue

Leia mais

MATERIAIS 033453 00. 16 de Janeiro de 2013. Este CRCC substitui e cancela os anteriores. 04 de Janeiro de 2014 52.512.837/0001-13

MATERIAIS 033453 00. 16 de Janeiro de 2013. Este CRCC substitui e cancela os anteriores. 04 de Janeiro de 2014 52.512.837/0001-13 CERTIFICAMOS que a empresa acima identificada encontra-se regularmente inscrita no Cadastro de Fornecedores de Materiais e/ou Serviços da PETROBRAS e habilitada para as especialidades indicadas conforme

Leia mais

PRINCÍPIOS TERMOELÉCTRICOS. Princípios de funcionamento e características dos termopares

PRINCÍPIOS TERMOELÉCTRICOS. Princípios de funcionamento e características dos termopares PRINCÍPIOS TERMOELÉCTRICOS Telef. 239 491091 Fax 239 492803 Princípios de funcionamento e características dos termopares PRINCÍPIOS DE FUNCIONAMENTO A medição de temperatura através de termopares parte

Leia mais

Válvulas de Guilhotina - Série M. Válvulas para líquidos pastosos, massas, água industrial e semelhantes.

Válvulas de Guilhotina - Série M. Válvulas para líquidos pastosos, massas, água industrial e semelhantes. Série M Série P Válvulas de Guilhotina - Série M Válvulas para líquidos pastosos, massas, água industrial e semelhantes. Manual Pneumática Dados de Operação BITOLA 50 2 65 21/2 80 3 100 4 125 5 150 6 200

Leia mais

Power Pipe Line. Redes de Ar Comprimido

Power Pipe Line. Redes de Ar Comprimido Power Pipe Line Redes de Ar Comprimido Power Pipe Line - PPL - é um novo sistema de tubulação de encaixe rápido projetado para todo tipo de planta de ar comprimido, bem como para outros fluidos, gases

Leia mais

VIEGA TUBOS DE COBRE WIELAND 02 ACESSÓRIOS DE CRAVAR DE COBRE E BRONZE 04 ACESSÓRIOS SOLAR DE COBRE E BRONZE 13

VIEGA TUBOS DE COBRE WIELAND 02 ACESSÓRIOS DE CRAVAR DE COBRE E BRONZE 04 ACESSÓRIOS SOLAR DE COBRE E BRONZE 13 VIEGA TUBOS DE COBRE WIELAND 02 ACESSÓRIOS DE CRAVAR DE COBRE E BRONZE 04 ACESSÓRIOS SOLAR DE COBRE E BRONZE 13 ACESSÓRIOS DE SOLDAR DE COBRE E BRONZE 16 ACESSÓRIOS DE ROSCAR DE COBRE E BRONZE 23 1 VIEGA

Leia mais

- Castelo selado a pressão: "Pressure Seal" - Castelo soldado c/ anel de assento. - Anel lanterna - somente classes 300-600 - 900-1500.

- Castelo selado a pressão: Pressure Seal - Castelo soldado c/ anel de assento. - Anel lanterna - somente classes 300-600 - 900-1500. NICSA Válvulas de Fundido Gaveta - Globo - Retenção Classes ANSI 150-300 - 600-900 - 1500 FVAF-0206 Gaveta NICSA Globo Retenção Pressões de conforme API - 598 Classe 150 psi Classe 300 psi Classe 600 psi

Leia mais

Produto: Sistema de distribuição. Geberit PushFit. Outubro 2009

Produto: Sistema de distribuição. Geberit PushFit. Outubro 2009 FICHA TÉCNICA Produto: Sistema de distribuição Data: Geberit PushFit Outubro 2009 Identificação do Sistema Descrição O sistema Geberit PushFit é constituído por: - Tubos s, fornecidos em 3 tipos: Com manga

Leia mais

TRIUNION INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA. Rev.4(4) 1/14

TRIUNION INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA.  Rev.4(4) 1/14 Rev.4(4) 1/14 ÍNDICE MANIFOLD 3 VIAS SÉRIE 530 TÓPICO PÁGINAS 530C MANIFOLD 3 VIAS FLANGE X FLANGE 3 4 530F MANIFOLD 3 VIAS ROSCA X ROSCA 5 6 530FC MANIFOLD 3 VIAS FLANGE X ROSCA 7 8 530SWC MANIFOLD 3

Leia mais

Hidráulica de Linhas pressurizadas. FEAGRI/UNICAMP - 2014 Prof. Roberto Testezlaf

Hidráulica de Linhas pressurizadas. FEAGRI/UNICAMP - 2014 Prof. Roberto Testezlaf Hidráulica de Linhas pressurizadas Parte 1 - Tubulações FEAGRI/UNICAMP - 2014 Prof. Roberto Testezlaf Tubulações A qualidade e integridade de instalação depende: Escolha do material e do diâmetro adequado

Leia mais

A seguir parte do material didático que é distribuído aos participantes do curso.

A seguir parte do material didático que é distribuído aos participantes do curso. A seguir parte do material didático que é distribuído aos participantes do curso. A próxima turma do curso VÁLVULAS INDUSTRIAIS está programada para o período de 16 a 19 de setembro de 2013, no Rio de

Leia mais