Informática, ética e sociedade

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Informática, ética e sociedade"

Transcrição

1 Informática, ética e sociedade Professor: Alex Sandro Forghieri

2 Agenda Profissional de Informática 2

3 Agenda Profissional de Informática 3

4 Profissional de Informática 1. Profissionais de informática: funções e perfil 2. Dados do mercado de trabalho 3. Habilidades desejáveis 4. Tendências tecnológicas 4

5 Agenda 1. Profissionais de informática: funções e perfil 5

6 Funções e Perfil 1. Programadores 2. Cientistas da computação, DBAs, analistas de redes e comunicação de dados 3. Engenheiro de software 4. Especialistas de suporte e administradores de sistemas 5. Analista de sistemas computacionais 6

7 Agenda 1. Programadores 7

8 Programadores Escrever, testar e manter as instruções que compõem um programa de computador; Atualizar, reparar, modificar e expandir programas existentes; Usualmente seguem especificações fornecidas por Engenheiros de Software; Em algumas organizações, programadores analistas são responsáveis tanto pela análise quanto pela programação. Capacidade de comunicação com pessoal não técnico; 8

9 Programadores Conhecimento administrativo, especialmente para gerentes ou coordenadores; Certificações ajudam a comprovar a qualificação; Conhecimentos sobre programação cliente/servidor, aplicações para ambientes móveis, multimídia, interfaces gráficas e aspectos de segurança são desejados. 9

10 Agenda 2. Administrador de Banco de Dados (DBA) 10

11 DBA Data Base Administration Responsáveis pela organização e armazenamento dos dados da instituição; Monitoram o desempenho do acesso a estes dados; Responsáveis pela integridade, disponibilidade e segurança de acesso aos dados; Responsáveis pelas cópias de segurança (backup) dos dados; Profissionais graduados em ciência da computação ou áreas afins; Raciocínio lógico e capacidade de comunicação. 11

12 Agenda 3. Analista de redes e comunicação de dados 12

13 Analista de Redes e comunicação de dados Realizar o projeto, teste e avaliação de Redes locais de computadores (LAN) e Redes de grande abrangência (WAN), Internet, Intranet e outros sistemas de Comunicação de dados. Profissionais graduados em ciência da computação ou áreas afins; Raciocínio lógico e capacidade de comunicação. 13

14 Agenda 4. Engenheiro de Software 14

15 Engenheiro de Software Projeto, desenvolvimento, teste e avaliação de softwares; Coordenar o desenvolvimento, manutenção e expansão dos sistemas computacionais das organizações; Conhecimento de metodologias de desenvolvimento de sistemas e técnicas de engenharia de software. A maioria dos empregadores buscam profissionais com graduação; Capacidade analítica e de resolução de problemas; Boa capacidade de comunicação. 15

16 Agenda 5. Especialista de Suporte e administrador de sistemas 16

17 Especialista de Suporte e administrador de sistemas Assistência, suporte, alerta aos usuários; Inclui especialistas de suporte e técnicos de help-desk; Interpretam problemas e provêm suporte técnico de hardware, software e sistemas; Escrita de manuais de usuário e treinamento dos mesmos; Instalação de equipamentos e sistemas; Coleta de dados e identificação de ataques. 17

18 Especialista de Suporte e administrador de sistemas Cursos rápidos de 2 anos e certificações são suficientes para a maioria dos postos de trabalho; Capacidade analítica e de resolução de problemas; Boa capacidade de comunicação tanto oral quanto escrita. 18

19 Agenda 6. Analista de Sistemas Computacionais 19

20 Analistas de Sistemas Computacionais Uso de tecnologias de computação para atendimento de necessidades da organização; Tipicamente tornam-se especialistas em sistemas específicos: contabilidade e financeiro, gerenciamento de documentos eletrônicos; Ajudam na seleção do sistema e sua infraestrutura, realizando análises de custo benefício e viabilidade financeira; A maioria dos empregadores buscam profissionais com graduação; Boa capacidade de comunicação. 20

21 Atividade 1. Quais as suas principais características para ingressar no mercado de TI? 2. Em qual área de TI você gostaria de estar trabalhando daqui a 5 anos? 21

22 Agenda Regulamentação da Profissão 22

ORGANIZAÇÃO CURRICULAR TÉCNICO NA ÁREA DE INFORMÁTICA: HABILITAÇÃO TÉCNICO EM INFORMÁTICA NA MODALIDADE A DISTÂNCIA /1

ORGANIZAÇÃO CURRICULAR TÉCNICO NA ÁREA DE INFORMÁTICA: HABILITAÇÃO TÉCNICO EM INFORMÁTICA NA MODALIDADE A DISTÂNCIA /1 ORGANIZAÇÃO CURRICULAR TÉCNICO NA ÁREA DE INFORMÁTICA: HABILITAÇÃO TÉCNICO EM INFORMÁTICA NA MODALIDADE A DISTÂNCIA - 2008/1 DC 9481 03/10/07 Rev. 00 1. Dados Legais Autorizado pelo Parecer 278 do Conselho

Leia mais

O uso consciente da tecnologia para o gerenciamento. Editora Saraiva Emerson de Oliveira Batista

O uso consciente da tecnologia para o gerenciamento. Editora Saraiva Emerson de Oliveira Batista O uso consciente da tecnologia para o gerenciamento Editora Saraiva Emerson de Oliveira Batista A TI como parte integrante da empresa impõe a necessidade dos Administradores conhecerem melhor seus termos

Leia mais

Cursos para turbinar a sua carreira profissional

Cursos para turbinar a sua carreira profissional Cursos para turbinar a sua carreira profissional CONTATOS: FONE: (92) 3216-3080 FUNDACAOREDEAM.COM.BR CERTIFICAÇÃO OFICIAL FURUKAWA FCP Data Cabling System (28 horas) Introduzir e direcionar profissionais

Leia mais

Gestão de T.I. Alberto Felipe Friderichs Barros

Gestão de T.I. Alberto Felipe Friderichs Barros Gestão de T.I Alberto Felipe Friderichs Barros O extremo dinamismo do mundo da informática traz evidentes vantagens, mas, também, grandes desafios para empresas e instituições. Cresce a busca por profissionais

Leia mais

ANEXO II DESCRIÇÃO DAS QUALIFICAÇÕES DA EQUIPE TÉCNICA

ANEXO II DESCRIÇÃO DAS QUALIFICAÇÕES DA EQUIPE TÉCNICA ANEXO II DESCRIÇÃO DAS QUALIFICAÇÕES DA EQUIPE TÉCNICA ITENS PÁG. 1 EQUIPE TÉCNICA RESPONSÁVEL... 2 1.1. para o papel de Gerente de Projetos... 3 1.2. para o papel de Especialista em Gestão Eletrônica

Leia mais

Aula 01 Conceito de Banco de Dados e SGBD

Aula 01 Conceito de Banco de Dados e SGBD Aula 01 Conceito de Banco de Dados e SGBD Dado: conjunto de símbolos arranjados a fim de representar a informação fora da mente humana. Elemento de Dado: subconjunto de símbolos que compõem um dado com

Leia mais

Tecnologia da Informação

Tecnologia da Informação FTC Faculdade de Tecnologia e Ciências Engenharia Civil 1º Semestre Tecnologia da Informação Rafael Barbosa Neiva rafael@prodados.inf.br Definição - TI É o conjunto de recursos não humanos dedicados ao

Leia mais

Software. Objetivos do Capítulo

Software. Objetivos do Capítulo Objetivos do Capítulo Descrever as tendências principais na área de software. Dar exemplos dos principais tipos de software aplicativos e de sistemas. Explicar o propósito de vários pacotes de software

Leia mais

Aula 05. Infraestrutura de TI: hardware e software Pearson. Todos os direitos reservados.

Aula 05. Infraestrutura de TI: hardware e software Pearson. Todos os direitos reservados. Aula 05 Infraestrutura de TI: hardware e software slide 1 Infraestrutura de TI: hardware e software 1. Quais os componentes da infraestrutura de TI? 2. Quais as principais tecnologias de hardware computacional,

Leia mais

SOPP. Aula 1.4 Carreira e Mercado de Trabalho em TI. Prof. Dr. Bruno Moreno

SOPP. Aula 1.4 Carreira e Mercado de Trabalho em TI. Prof. Dr. Bruno Moreno SOPP Aula 1.4 Carreira e Mercado de Trabalho em TI Prof. Dr. Bruno Moreno bruno.moreno@ifrn.edu.br 2 Atividade: Lattes Elaborar o currículo lattes; Prazo final: 30/06/2017 Envio do link para o meu e-mail;

Leia mais

GRADE HORÁRIA 2º SEMESTRE DE 2017

GRADE HORÁRIA 2º SEMESTRE DE 2017 1º PERÍODO/SEMESTRE # TURNO Noite # SALA # Nº DE ALUNOS HORÁRIO 2ª-FEIRA 3ª-FEIRA 4ª-FEIRA 6ª-FEIRA SÁBADO Lógica Computacional e Lógica Computacional e Português Metodologia Aplicativos em Nuvem Instrumental

Leia mais

Componentes de SIs. Pessoas Organiz. Tecnologia

Componentes de SIs. Pessoas Organiz. Tecnologia Universidade Federal do Vale do São Francisco Curso de Administração Tecnologia e Sistemas de Informação - 03 Prof. Jorge Cavalcanti jorge.cavalcanti@univasf.edu.br www.univasf.edu.br/~jorge.cavalcanti

Leia mais

Introdução a Computação

Introdução a Computação Computador Software n Conjunto alterável de instruções, ordenadas e lógicas, fornecidas ao hardware para a execução de procedimentos necessários à solução dos problemas e tarefas do processamento de dados;

Leia mais

TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO EVER SANTORO

TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO EVER SANTORO TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO EVER SANTORO EVER SANTORO DBA Oracle e desenvolvedor Java Processamento de dados MBA em Gestão Empresarial Mestre em Engenharia da Produção DBA Oracle desde 2001 Sun Certified

Leia mais

TECNÓLOGO EM AGROINDÚSTRIA ITINERÁRIO FORMATIVO

TECNÓLOGO EM AGROINDÚSTRIA ITINERÁRIO FORMATIVO TECNÓLOGO EM AGROINDÚSTRIA Módulo Básico I 3 Módulo Específico II 365 h Beneficiamento e Industrialização de Grãos Toxicologia dos Alimentos Sistemas Agroindustriais Alimentares Sistemas de Armazenamento

Leia mais

TECNÓLOGO EM AGROINDÚSTRIA ITINERÁRIO FORMATIVO

TECNÓLOGO EM AGROINDÚSTRIA ITINERÁRIO FORMATIVO TECNÓLOGO EM AGROINDÚSTRIA Química geral e Inorgânica Noções de Logística Módulo Básico I 3 Módulo Específico II 365 h Beneficiamento e Industrialização de Grãos Toxicologia dos Alimentos Sistemas Agroindustriais

Leia mais

1º PERÍODO Carga horária Teórica Prática Total

1º PERÍODO Carga horária Teórica Prática Total MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI FACULDADE DE CIÊNCIAS EXATAS E SOCIAIS APLICADAS CURSO DE GRADUAÇÃO EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO ESTRUTURA CURRICULAR 2008/1

Leia mais

Francisco José da Silva e Silva. fssilva@deinf.ufma.br Depto. de Informática, UFMA

Francisco José da Silva e Silva. fssilva@deinf.ufma.br Depto. de Informática, UFMA O Profissional de Informática e as Novas Exigências do Mercado de Trabalho Francisco José da Silva e Silva fssilva@deinf.ufma.br Depto. de Informática, UFMA Agenda Profissionais de informática: funções

Leia mais

TECNÓLOGO EM AGROINDÚSTRIA ITINERÁRIO FORMATIVO

TECNÓLOGO EM AGROINDÚSTRIA ITINERÁRIO FORMATIVO TECNÓLOGO EM AGROINDÚSTRIA Módulo Básico I 3 Módulo Específico II 365 h Beneficiamento e Industrialização de Grãos Toxicologia dos Alimentos Sistemas Agroindustriais Alimentares Sistemas de Armazenamento

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores Ciência da Computação Robson Costa (robson.costa@ifsc.edu.br) Sumário 1) Introdução 2) Metodologias de Projeto de Rede 3) Identificação das Necessidades e Objetivos do Cliente 4)

Leia mais

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE PORTO VELHO

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE PORTO VELHO ESPECIALIDADE: AMBIENTE OPERACIONAL Requisitos: Graduação de nível superior na área de Informática ou graduado com ênfase na área de informática, com registro no conselho de classe, com diploma fornecido

Leia mais

Banco de Dados e Engenharia de Software

Banco de Dados e Engenharia de Software Banco de Dados e Engenharia de Software Agenda Introdução a Banco de Dados Lógica Elementar, Conjuntos e Relações Arquitetura de Banco de Dados Linguagem SQL Modelo conceitual para Banco de Dados Transações

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DO NORTE DE MINAS GERAIS CAMPUS MONTES CLAROS 1 PERÍODO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DO NORTE DE MINAS GERAIS CAMPUS MONTES CLAROS 1 PERÍODO 6.4 Matriz Curricular do Curso de Ciência da Computação 6.4.1 Componentes curriculares obrigatórios 1 PERÍODO Teórica Prática Hora-aula Horas Cálculo I 6 2 8 144 120 - Geometria Analítica e Vetores - Dados

Leia mais

FACULDADE DE CIÊNCIA DE ENGENHARIA DE SOFTWARE MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE ENGENHARIA DE SOFTWARE PRIMEIRO PERÍODO SEGUNDO PERÍODO

FACULDADE DE CIÊNCIA DE ENGENHARIA DE SOFTWARE MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE ENGENHARIA DE SOFTWARE PRIMEIRO PERÍODO SEGUNDO PERÍODO FACULDADE DE CIÊNCIA DE ENGENHARIA DE SOFTWARE MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE ENGENHARIA DE SOFTWARE PRIMEIRO PERÍODO ESW200 Introdução à Engenharia de Software 2 36 30 - ESW201 Prática de Programação I

Leia mais

Os Sistemas de Informação e sua carreira. Profa. Dra. Ellen Francine Barbosa PAE Lívia Castro Degrossi

Os Sistemas de Informação e sua carreira. Profa. Dra. Ellen Francine Barbosa PAE Lívia Castro Degrossi Os Sistemas de Informação e sua carreira Profa. Dra. Ellen Francine Barbosa PAE Lívia Castro Degrossi Impacto de SI em carreiras de negócios - Contabilidade - Finanças - Marketing - Gestão de operações

Leia mais

PROJETO DE BANCO DE DADOS

PROJETO DE BANCO DE DADOS UNINGÁ UNIDADE DE ENSINO SUPERIOR INGÁ FACULDADE INGÁ CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO BANCO DE DADOS I PROJETO DE BANCO DE DADOS Profº Erinaldo Sanches Nascimento Objetivos Discutir o ciclo de vida do sistema de

Leia mais

Curso de Engenharia Formação Geral 1º e 2º anos

Curso de Engenharia Formação Geral 1º e 2º anos Curso de Engenharia Formação Geral 1º e 2º anos DISCIPLINA 1º Bimestre Introdução à Engenharia 40 Informática 40 Matemática 80 Produção de Textos 40 2º Bimestre Cálculo I 80 Física I 80 Inglês 20 Metodologia

Leia mais

Infra Estrutura Hardware e Software

Infra Estrutura Hardware e Software Infra Estrutura Hardware e Software CEA145 Teoria e Fundamentos de Sistemas de Informação Universidade Prof. Federal George de H. G. Ouro Fonseca Preto DECEA / João Monlevade Universidade

Leia mais

Catálogo de Serviços

Catálogo de Serviços Catálogo de Serviços ID: SN17 Nome: Serviço de Desktops Descrição: Manutenção e Suporte em Informática Catalogado: 12/09/2013 Última revisão: 12/09/2013 Coordenação: Coordenação Técnica de Atendimento

Leia mais

P R O C E SSO D E D E S E N VOLVIMENTO D E S O F T WAR E

P R O C E SSO D E D E S E N VOLVIMENTO D E S O F T WAR E 1 2 3 4 5 6 ASSUNTO DO MATERIAL DIDÁTICO ENGENHARIA DE SOFTWARE 8ª EDIÇÃO/2007 IAN SOMMERVILLE CAPÍTULO ESTIMATIVAS DE CUSTO DE SOFTWARE 7 CONCEITOS DE LUCROS E DESPESAS Lucro = Receita Despesa Procura

Leia mais

Gerência de Projetos e Qualidade de Software. Prof. Walter Gima

Gerência de Projetos e Qualidade de Software. Prof. Walter Gima Gerência de Projetos e Qualidade de Software Prof. Walter Gima 1 Plano de Ensino e Aprendizagem 2 CONTEÚDO Compreender as diferenças entre o gerenciamento de projetos de software e outros projetos Conhecer

Leia mais

APRESENTAÇÃO DA DISCIPLINA E CONCEITOS BÁSICOS

APRESENTAÇÃO DA DISCIPLINA E CONCEITOS BÁSICOS APRESENTAÇÃO DA DISCIPLINA E CONCEITOS BÁSICOS Introdução a Computação e Engenharia de Software Profa. Cynthia Pinheiro Objetivo Geral Conhecer os Fundamentos da Computação Conhecer as metodologias para

Leia mais

GABARITO PRELIMINAR PROVA OBJETIVA

GABARITO PRELIMINAR PROVA OBJETIVA 1. NÍVEL MÉDIO GABARITO PRELIMINAR PROVA OBJETIVA Aplicação: 28/12/2014 Auxiliar de Enfermagem do Trabalho / Técnico de Segurança do Trabalho ÁREA DE CONHECIMENTO QUESTÕES Língua Portuguesa 1 a 10 Língua

Leia mais

Introdução à Computação

Introdução à Computação Introdução à Computação Jordana Sarmenghi Salamon jssalamon@inf.ufes.br jordanasalamon@gmail.com Departamento de Informática Universidade Federal do Espírito Santo Agenda O Curso de Ciência da Computação

Leia mais

Lê dos Santos Pedro Salia

Lê dos Santos Pedro Salia Lê dos Santos Pedro Salia Eduardo Mondlane, Pemba (Moçambique) 84 72 13 989 lsalia@unilurio.ac.mz Skype le-salia@hotmail.com Assunto: Técnico Informático Sofala / Beira Prezados Senhores, Sou licenciado

Leia mais

DISCIPLINA: Administração de Sistemas de Informação

DISCIPLINA: Administração de Sistemas de Informação DISCIPLINA: Administração de Sistemas de Informação Profa. Msc. Cláudia Brazil Marques PLANO DE AULA 5 01.01. PROBLEMA Identificar as tendências em SI 01.02. CONHECIMENTOS (DCN, artigo 5º) Os papéis atribuídos

Leia mais

Tecnologia da Informação

Tecnologia da Informação UNIDADE VIII Auditoria em Informática Professor : Hiarly Alves www.har-ti.com Fortaleza - 2014 Tópicos Noções gerais de auditoria na empresa em SI Conceito de auditoria Etapas do processo de auditoria

Leia mais

CONTRATA. Interessados entrar em contato pelo fone: (42) / enviar currículo para com o assunto Evento Pet Cusos

CONTRATA. Interessados entrar em contato pelo fone: (42) / enviar currículo para com o assunto Evento Pet Cusos ANALISTA DE TI: Masculino, possuir superior completo em Tecnologia Sistemas de Informação (UTFPR) ou a fins, experiência na função, diferencial ter atuado no varejo, conhecimento em banco de dados, redes,

Leia mais

VÍDEO AULA 1 APRESENTAÇÃO DO CURSO 100% ON LINE

VÍDEO AULA 1 APRESENTAÇÃO DO CURSO 100% ON LINE Curso Superior de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas VÍDEO AULA 1 APRESENTAÇÃO DO CURSO 100% ON LINE Coordenador Prof. Dorival Magro Junior Mestre em Ciência da Computação EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA

Leia mais

Tendências em Sistemas de Informação

Tendências em Sistemas de Informação Prof. Glauco Ruiz Tendências em Sistemas de Informação Os papéis atribuídos à função dos SI têm sido significativamente ampliados no curso dos anos. De 1950 a 1960 Processamento de Dados Sistemas de processamento

Leia mais

AULA. Processamento de Dados

AULA. Processamento de Dados UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA Faculdade de Computação Curso de Bacharelado em Ciência da Computação Disciplina: INF64 (Introdução à Ciência da Computação) Prof: Anilton Joaquim da Silva / Ezequiel

Leia mais

Introdução aos sistemas de informação

Introdução aos sistemas de informação Introdução aos sistemas de informação Sistemas de Informação Sistemas de Informação Um conjunto de informações relacionadas que coletam, manipulam e disseminam dados e informações e fornecem realimentação

Leia mais

VAGAS PARA CHAPECÓ EMPRESA NO RAMO DE TELECOMUNICAÇÃO CONTRATA:

VAGAS PARA CHAPECÓ EMPRESA NO RAMO DE TELECOMUNICAÇÃO CONTRATA: CONSULTOR DE VENDAS Vagas: Chapecó e Lages VAGAS PARA CHAPECÓ EMPRESA NO RAMO DE TELECOMUNICAÇÃO CONTRATA: Efetuar a gestão de relacionamento com o cliente; Desenvolver e prospectar soluções de negócios;

Leia mais

RESOLUÇÃO CONSEPE 46/99 ALTERA O PLANO CURRICULAR E O REGIME DO CURSO DE ENGENHARIA DE COMPUTAÇÃO, DO CÂMPUS DE ITATIBA.

RESOLUÇÃO CONSEPE 46/99 ALTERA O PLANO CURRICULAR E O REGIME DO CURSO DE ENGENHARIA DE COMPUTAÇÃO, DO CÂMPUS DE ITATIBA. RESOLUÇÃO CONSEPE 46/99 ALTERA O PLANO CURRICULAR E O REGIME DO CURSO DE ENGENHARIA DE COMPUTAÇÃO, DO CÂMPUS DE ITATIBA. O Presidente do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão - CONSEPE, no uso da atribuição

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015

Plano de Trabalho Docente 2015 Unidade de Ensino Médio e Técnico Cetec Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico Etec: Monsenhor Antonio Magliano Código: 088 Município: Garça Eixo Tecnológico: Informação e Comunicação Habilitação

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Prof. Esp. Fabiano Taguchi

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Prof. Esp. Fabiano Taguchi SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Prof. Esp. Fabiano Taguchi fabianotaguchi@gmail.com http://fabianotaguchi.wordpress.com ANTIGAMENTE... Administradores não precisam saber muito como a informação era coletada, processada

Leia mais

Banco de Dados. Introdução. Profa. Flávia Cristina Bernardini

Banco de Dados. Introdução. Profa. Flávia Cristina Bernardini Banco de Dados Introdução Profa. Flávia Cristina Bernardini * Slides Baseados no material elaborado pelos professores Eduardo R. Hruschka, Cristina D. A. Ciferri e Elaine Parros Machado Motivação Operações

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS

MANUAL DE PROCEDIMENTOS MANUAL DE PROCEDIMENTOS ABRIL 2010 1 INTRODUÇÃO O Serviço Técnico de Informática STI é responsável pela prestação de serviços relacionados com a informática para as áreas de Ensino, Pesquisa, Extensão

Leia mais

Curso de Bacharelado em Ciência da Computação

Curso de Bacharelado em Ciência da Computação Curso de Bacharelado em Ciência da Computação Há um século, riqueza e sucesso vinham para aqueles que produziam e distribuíam mercadorias manufaturadas. Hoje, riqueza e sucesso vêm para aqueles que utilizam

Leia mais

Prof. Domingos de C Villela Júnior Coordenador curso de Informática Perfil do profissional de TI Fonte: Apinfo

Prof. Domingos de C Villela Júnior Coordenador curso de Informática Perfil do profissional de TI Fonte: Apinfo Prof. Domingos de C Villela Júnior Coordenador curso de Informática Perfil do profissional de TI Fonte: Apinfo O percentual de mulheres além de pequeno, foi reduzido de 16% em 2006 para 13% em 2010 Observamos

Leia mais

Tornando acessível a tecnologia e os melhores serviços

Tornando acessível a tecnologia e os melhores serviços Tornando acessível a tecnologia e os melhores serviços A ALEJANDRO Informática No mercado de TI desde 30 de Outubro de 1997. Conta com mais de 30 colaboradores; Especializada em implantação de Banco de

Leia mais

Adriano Maranhão PROFISSIONAIS E ATIVIDADES ENVOLVIDAS EM UM SGBD

Adriano Maranhão PROFISSIONAIS E ATIVIDADES ENVOLVIDAS EM UM SGBD Adriano Maranhão PROFISSIONAIS E ATIVIDADES ENVOLVIDAS EM UM SGBD ADMINISTRADOR DA BASE DE DADOS Em qualquer organização onde muitas pessoas compartilham muitos recursos, existe a necessidade de um administrador

Leia mais

Apresentação da disciplina

Apresentação da disciplina Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Campus Inhumas TESTES DE SOFTWARE Apresentação da disciplina Prof. Me. Victor Hugo Lázaro Lopes AGENDA Apresentação do professor Plano de ensino Ementa

Leia mais

SISTEMAS DE NEGÓCIOS D. OUTROS SISTEMAS DE DECISÃO

SISTEMAS DE NEGÓCIOS D. OUTROS SISTEMAS DE DECISÃO 1 SISTEMAS DE NEGÓCIOS D. OUTROS SISTEMAS DE DECISÃO 1. SISTEMAS DE INFORMAÇÃO EXECUTIVA (SIE) São SI que combinam muitas características dos sistemas de informação gerencial e dos sistemas de apoio à

Leia mais

Apresentação da Disciplina. Planejamento e Controle de Projetos 5 TADS FSR. Apresentação do Professor. Apresentação da Disciplina (Continuação)

Apresentação da Disciplina. Planejamento e Controle de Projetos 5 TADS FSR. Apresentação do Professor. Apresentação da Disciplina (Continuação) Apresentação da Disciplina Componente Curricular: Planejamento e Controle de Projetos Carga horária: 80 horas Competências: Planejamento e Controle de Projetos 5 TADS FSR Prof. Esp. André Luís Belini Identificar

Leia mais

COORDENAÇÃO DO CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA DATAS DAS AVALIAÇÕES DO PERÍODO LETIVO 2017/1

COORDENAÇÃO DO CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA DATAS DAS AVALIAÇÕES DO PERÍODO LETIVO 2017/1 I 1 PERÍODO Química Geral I 05/04/2017 07/06/2017 21/06/2017 28/06/2017 Cálculo I 06/04/2017 08/06/2017 22/06/2017 29/06/2017 Vetores e Geometria Analítica 11/04/2017 13/06/2017 20/06/2017 27/06/2017 Sociologia

Leia mais

Ementário das disciplinas do Curso Superior de Tecnologia em Redes de Computadores. - Núcleo Básico -

Ementário das disciplinas do Curso Superior de Tecnologia em Redes de Computadores. - Núcleo Básico - Ementário das disciplinas do Curso Superior de Tecnologia em Redes de Computadores - Núcleo Básico - NBT 001 - Matemática CH Teórica 120 CH Prática 00 CH Total 120 cr 6 Potenciação. Radiciação. Expressões

Leia mais

Aula 4 TECNOLOGIA EM JOGOS DIGITAIS JOGOS MASSIVOS DISTRIBUÍDOS. Marcelo Henrique dos Santos

Aula 4 TECNOLOGIA EM JOGOS DIGITAIS JOGOS MASSIVOS DISTRIBUÍDOS. Marcelo Henrique dos Santos Aula 4 TECNOLOGIA EM JOGOS DIGITAIS JOGOS MASSIVOS DISTRIBUÍDOS Marcelo Henrique dos Santos Marcelo Henrique dos Santos Email: Site: marcelosantos@outlook.com www.marcelohsantos.com.br TECNOLOGIA EM JOGOS

Leia mais

ESUCRI. Análise e Projeto de Sistemas

ESUCRI. Análise e Projeto de Sistemas ESUCRI Análise e Projeto de Sistemas Prof. Edson Thizon (2005) Apresentação (mini-currículo) Formação Acadêmica Bacharelado em Ciência da Computação (UNISUL/00) Mestrando em Ciência da Computação (UFSC/03)

Leia mais

FUNDAMENTOS DA ANÁLISE E PROJETO DE SISTEMAS. Projeto de Programas PPR0001

FUNDAMENTOS DA ANÁLISE E PROJETO DE SISTEMAS. Projeto de Programas PPR0001 FUNDAMENTOS DA ANÁLISE E PROJETO DE SISTEMAS Projeto de Programas PPR0001 2 Introdução Antes de desenvolver ou construir qualquer produto ou sistema em engenharia é necessário um... o PROJETO O que é um

Leia mais

Gestão de Projetos. Alberto Felipe Friderichs Barros

Gestão de Projetos. Alberto Felipe Friderichs Barros Gestão de Projetos Alberto Felipe Friderichs Barros O enxugamento dos quadros de pessoal e o aumento da necessidade de especialização técnica têm levado muitas empresas a recrutar no mercado profissionais

Leia mais

Fundamentos de Fundamentos de Sistemas de Geometria Analítica. Comunicação e Expressão I

Fundamentos de Fundamentos de Sistemas de Geometria Analítica. Comunicação e Expressão I 4.7.2 Representação Gráfica do Perfil de Formação Quadro I dos núcleos de formação do Curso de Sistemas de Informação para ingressantes a partir do 2º semestre de 2014 Período 1º 2º 3º Algoritmos e Programação

Leia mais

DIRETORIA DE ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS. Unidade de Tecnologia da Informação e Comunicação - UTIC

DIRETORIA DE ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS. Unidade de Tecnologia da Informação e Comunicação - UTIC DIRETORIA DE ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS Unidade de Tecnologia da Informação e Comunicação - UTIC ÁREAS DE ATUAÇÃO Modernização e Manutenção da Infraestrutura de TI Desenvolvimento, Manutenção e Suporte a

Leia mais

- a compreensão da profissão como uma forma de inserção e intervenção na sociedade, tendo por base a comunidade regional;

- a compreensão da profissão como uma forma de inserção e intervenção na sociedade, tendo por base a comunidade regional; UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA CENTRO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR NORTE-RS/UFSM PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO BACHARELADO (NOTURNO) PERFIL DESEJADO DO FORMANDO Entende-se que a formação

Leia mais

Sistemas de Informação

Sistemas de Informação Sistemas de Informação Marcelo Barsotti marcelobarsotti@marcelobarsotti.com Módulo 1 Orientações Iniciais e Tecnologia de Informação na atualidade Marcelo Barsotti marcelobarsotti@marcelobarsotti.com Pós

Leia mais

INTERNET DAS COISAS NAS NUVENS

INTERNET DAS COISAS NAS NUVENS INTERNET DAS COISAS NAS NUVENS por Tito Ocampos Abner Carvalho Cleiton Amorim Hugo Brito Agenda Introdução Computação em nuvem + Internet das Coisas Infraestrutura como Serviço Plataforma como Serviço

Leia mais

As Visões. Visões arquiteturais (revisão)

As Visões. Visões arquiteturais (revisão) As 4 + 1 Visões Jair C Leite Visões arquiteturais (revisão) Separar diferentes aspectos em visões separadas com o objetivo de gerenciar complexidade. Cada visão descreve diferentes conceitos da engenharia.

Leia mais

Oportunidades IBM Academic Initiative,Produtos IBM e Oportunidades TI

Oportunidades IBM Academic Initiative,Produtos IBM e Oportunidades TI Oportunidades IBM Academic Initiative,Produtos IBM e Oportunidades TI Camilo Lopes Analyst Java Programmer /IT Specialist 28 de Março de 2009 Agenda A IBM IBM Academic Initiative Mentorização Oportunidades

Leia mais

Introdução aos Sistemas de Informação nas Empresas

Introdução aos Sistemas de Informação nas Empresas Introdução aos Sistemas de Informação nas Empresas Esse capitulo estuda o referencial do conhecimento de SI necessário aos usuários finais das empresas e abordagem revista sobre desdobramentos-chaves no

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N , DE 27 DE ABRIL DE 2011

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N , DE 27 DE ABRIL DE 2011 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 4.114, DE 27 DE ABRIL DE 2011 Aprova o Projeto Pedagógico do Curso de Graduação em Engenharia

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAPÁ IFAP CÂMPUS MACAPÁ

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAPÁ IFAP CÂMPUS MACAPÁ 13 específica, de segunda-feira a sexta-feira e aos sábados, caso seja necessário para complementação do período letivo e/ou carga horária curricular. Cada aula tem durafao de 50min (cinquenta minutos),

Leia mais

PROGRAMA DE EDUCAÇÃO CONTINUADA - PEC EDITAL DE INSCRIÇÕES 2014/1

PROGRAMA DE EDUCAÇÃO CONTINUADA - PEC EDITAL DE INSCRIÇÕES 2014/1 PROGRAMA DE EDUCAÇÃO CONTINUADA - PEC EDITAL DE INSCRIÇÕES 2014/1 A Gerência de Gestão de Pessoas Setor de Desempenho e Desenvolvimento de Pessoas torna público o Programa de Educação Continuada - PEC,

Leia mais

CURSO DE GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO MATRIZ CURRICULAR MATUTINO Fase N.

CURSO DE GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO MATRIZ CURRICULAR MATUTINO Fase N. CURSO DE GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO MATRIZ CURRICULAR MATUTINO Fase N. Ordem Código COMPONENTE CURRICULAR Créditos Horas Prérequisitos 01 Introdução à informática 04 60 02 Matemática instrumental

Leia mais

As 10 Áreas da Engenharia de Software, Conforme o SWEBOK Prof. Elias Ferreira

As 10 Áreas da Engenharia de Software, Conforme o SWEBOK Prof. Elias Ferreira As 10 Áreas da Engenharia de Software, Conforme o SWEBOK Prof. Elias Ferreira Educação de iniciação profissional validada e legitimada pela sociedade Registro da adequação à prática através de certificação

Leia mais

Planejamento de carreira para profissionais de Infraestrutura de TI. Rafael Gonçalves

Planejamento de carreira para profissionais de Infraestrutura de TI. Rafael Gonçalves Planejamento de carreira para profissionais de Infraestrutura de TI Rafael Gonçalves Profissionais de Infraestrutura de TI Novos nichos tecnológicos O que eu preciso fazer para me destacar nesse novo

Leia mais

Aula 06 - Máquina Multinível e Von Neumann

Aula 06 - Máquina Multinível e Von Neumann Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte Campus Currais Novos Instalação e Organização de Computadores Aula 06 - Máquina Multinível e Von Neumann Prof. Diego Pereira

Leia mais

NTCGROUP Soluções Integradas CONSULTORIA E OUTSOURCING EM TECNOLOGIA PORTFÓLIO

NTCGROUP Soluções Integradas CONSULTORIA E OUTSOURCING EM TECNOLOGIA PORTFÓLIO NTCGROUP Soluções Integradas CONSULTORIA E OUTSOURCING EM TECNOLOGIA PORTFÓLIO Serviços com a mais alta tecnologia e qualidade. A Newtech é uma empresa fornecedora de soluções em T.I.C. (Tecnologia da

Leia mais

Banco de Dados II. Administrador de Banco de Dados - DBA. Portela

Banco de Dados II. Administrador de Banco de Dados - DBA. Portela UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHAO - UFMA Banco de Dados II Administrador de Banco de Dados - DBA Portela * DBA Introdução Atuação Responsabilidades 2 Atuação O Administrador de Banco de Dados (DBA) é o

Leia mais

Versão: 1.0 Doc Manager

Versão: 1.0 Doc Manager Plano de Gerenciamento de Configuração versão 1.0 Desenvolvimento do Sistema de Gestão de Documentos Doc Manager Cliente: São José Agroindustrial Representante do cliente: Paulo José de Souza 1 Data: 10/04/2016

Leia mais

Guia de recursos: produtividade de workstations

Guia de recursos: produtividade de workstations Guia de recursos: produtividade de workstations Conteúdo Além do desktop: produtividade de workstations 2 Descubra como obter a maior produtividade possível de aplicativos de alto desempenho que requerem

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇAO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA 1. DESCRIÇÃO DA SOLUÇÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇAO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA 1. DESCRIÇÃO DA SOLUÇÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO ESTUDO TÉCNICO PRELIMINAR DA CONTRATAÇÃO 1. DESCRIÇÃO DA SOLUÇÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Aquisição de equipamentos para infraestrutura de redes de todo o IFRO 2. DEFINIÇÃO E ESPECIFICAÇÃO DE REQUISITOS

Leia mais

FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS

FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS Caso Prático de Análise de Pontos de Função Alertas do Google Guilherme Siqueira Simões 28/06/2016 FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS 2016 FATTO Consultoria e Sistemas www.fattocs.com 1 ORIENTAÇÕES INICIAIS

Leia mais

Exercícios Cap I. 1.1, 1.2, 1.3 (somente letras (a), (b) e (c)) , 1.8 e 1.12 IC - UFF

Exercícios Cap I. 1.1, 1.2, 1.3 (somente letras (a), (b) e (c)) , 1.8 e 1.12 IC - UFF Exercícios Cap I 1.1, 1.2, 1.3 (somente letras (a), (b) e (c)) 1.5 1.7, 1.8 e 1.12 Sistemas Operacionais Visão geral e evolução dos SOs Sistema Operacional? Um programa que controla a execução dos programas

Leia mais

VAGAS ABERTAS NA PROFICENTER INDAIATUBA

VAGAS ABERTAS NA PROFICENTER INDAIATUBA VAGAS ABERTAS NA INDAIATUBA OS INTERESSADOS ENCAMINHAR CV PARA O E-MAIL: recrutamento.indaia@grupoproficenter.com.br OU NO ENDEREÇO: R. BERNARDINO DE CAMPOS, 358 CENTRO - INDAIATUBA FONE (19) 3875-6564

Leia mais

Conceitos Básicos Sistemas de banco de dados; Sistemas de gerência de banco de dados.

Conceitos Básicos Sistemas de banco de dados; Sistemas de gerência de banco de dados. Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul Ciência da Computação Banco de Dados Prof. Nilton nilton@comp.uems.br Conceitos Básicos Sistemas de banco de dados; Sistemas de gerência de banco de dados. 2

Leia mais

Ferramentas CASE. CASE fornece ao engenheiro de software a habilidade de automatizar atividades manuais e de aperfeiçoar o conhecimento de engenharia.

Ferramentas CASE. CASE fornece ao engenheiro de software a habilidade de automatizar atividades manuais e de aperfeiçoar o conhecimento de engenharia. Para qualquer artesão seja mecânico, carpinteiro, engenheiro de software uma boa oficina deve ter 3 características: - uma coleção de ferramentas úteis que ajudam em cada passo da construção do produto

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR BACHARELADO EM ENGENHARIA DA COMPUTAÇÃO. 1º Período

MATRIZ CURRICULAR BACHARELADO EM ENGENHARIA DA COMPUTAÇÃO. 1º Período MATRIZ CURRICULAR BACHARELADO EM ENGENHARIA DA COMPUTAÇÃO 1º Período Código Disciplina CHT 1 CHP 2 CH Total Pré-requisitos Dados I 40 40 80 - Cálculo I 80-80 - Fundamentos da Computação 40-40 - Fundamentos

Leia mais

JOB CONTRATA CADASTRE SEU CURRÍCULO

JOB CONTRATA CADASTRE SEU CURRÍCULO ANALISTA DE TI: Masculino, possuir superior completo em Tecnologia Sistemas de Informação (UTFPR) ou a fins, experiência na função, diferencial ter atuado no varejo, conhecimento em banco de dados, redes,

Leia mais

Sistemas de Informação (SI) Telecomunicações, Internet e tecnologia sem fio (I)

Sistemas de Informação (SI) Telecomunicações, Internet e tecnologia sem fio (I) Sistemas de Informação (SI) Telecomunicações, Internet e tecnologia sem fio (I) Prof.ª Dr.ª Symone Gomes Soares Alcalá Universidade Federal de Goiás (UFG) Regional Goiânia (RG) Faculdade de Ciências e

Leia mais

Catalogo de requisitos - Processo Seletivo

Catalogo de requisitos - Processo Seletivo Catalogo de requisitos - Processo Seletivo 006-01-2016 HABILITAÇÃO COMPONENTE TITULAÇÃO Informática Redes de Comunicação de Dados Administração de Sistemas de Informação Análise de Sistemas Análise de

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS As ações da UFAL para apoio aos funcionários, visando sua capacitação externa (participação em eventos e cursos fora da UFAL), são... Página 1141 de 1590 As ações da UFAL para assistência aos funcionários,

Leia mais

Segurança e Controle em Sistemas de Informação. Profa. Ellen Francine ICMC-USP

Segurança e Controle em Sistemas de Informação. Profa. Ellen Francine ICMC-USP Segurança e Controle em Sistemas de Informação Profa. Ellen Francine ICMC-USP 11/09: nem tudo está sob controle Com o ataque contra o World Trade Center e Pentágono, todo transporte aéreo e terrestre foi

Leia mais

Perfil Formação Acadêmica Experiência Profissional Capacitação Profissional

Perfil Formação Acadêmica Experiência Profissional Capacitação Profissional Programador - DESENVOLVEDOR JAVA Deverá possuir experiência comprovada de pelo menos 01 (um) ano em desenvolvimento de aplicações WEB com J2EE; Conhecimentos em JSP, TagLib, Servlets, Classes Java, linguagem

Leia mais

CCNA 1 Conceitos de Rede. Kraemer

CCNA 1 Conceitos de Rede. Kraemer CCNA 1 Conceitos de Rede Conceitos de Rede Breve história das redes de dados Dispositivos de rede Topologias Protocolos de rede Redes locais Redes de longa distância Redes metropolitanas Redes de área

Leia mais

TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO. Prof. Gildo de Almeida Leonel Profª Lillian Cherrine

TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO. Prof. Gildo de Almeida Leonel Profª Lillian Cherrine TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Prof. Gildo de Almeida Leonel Profª Lillian Cherrine EMENTA 2 3 CARGA HORÁRIA SEMANAL: 3 hs/aula semanais. CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 60hs/aula Esta disciplina trata da questão do

Leia mais

Auditoria de controles organizacionais. Prof. Dr. Joshua Onome Imoniana

Auditoria de controles organizacionais. Prof. Dr. Joshua Onome Imoniana Auditoria de controles organizacionais Prof. Dr. Joshua Onome Imoniana Definição de controles organizacionais Os controles organizacionais e operacionais são os controles administrativos instalados nos

Leia mais

O Robô Educador Introdução

O Robô Educador Introdução O Robô Educador Introdução A LEGO Education tem o prazer de lhe trazer o Robô Educador uma seleção de atividades tutoriais que apresenta de maneira estruturada e divertida como começar com o seu LEGO MINDSTORMS

Leia mais

I TR T ODUÇÃO O À I N I FO F RMÁ M TI T C I A OBJETIVO

I TR T ODUÇÃO O À I N I FO F RMÁ M TI T C I A OBJETIVO 17/02/2017 6 INTRODUÇÃO À INFORMÁTICA OBJETIVO Capacitar o aluno a trabalhar com o computador, realizando tarefas básicas essenciais, e mostrar os principais conceitos em informática e processamento de

Leia mais

Analista de Negócios. Local de Trabalho: Porto Alegre. Número de Vagas: 02. Analista de Sistemas

Analista de Negócios. Local de Trabalho: Porto Alegre. Número de Vagas: 02. Analista de Sistemas Analista de Negócios - Especificação de Requisitos, - Modelagem de Sistemas e Processos, - 2 anos de experiência na função, - Bom relacionamento interpessoal, criatividade, pró-atividade e facilidade de

Leia mais

DESENHO DE CARGOS E TAREFAS

DESENHO DE CARGOS E TAREFAS Faculdade de Tecnologia SENAC GO Gestão de Pessoas Professor: Itair Pereira da Silva Grupo: Luís Miguel Nogueira de Resende, Valdivino de Carvalho, Rodrigo Neres Magalhães e Venicyus Venceslencio da Paz.

Leia mais