1ª) A lei de 2011 autorizou a CRIAÇÃO da empresa pública denominada Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares - EBSERH; pelo (a):

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "1ª) A lei de 2011 autorizou a CRIAÇÃO da empresa pública denominada Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares - EBSERH; pelo (a):"

Transcrição

1 1ª) A lei de 2011 autorizou a CRIAÇÃO da empresa pública denominada Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares - EBSERH; pelo (a): A) Poder Legislativo. B) Poder Executivo C) Poder Judiciário D) Poder Moderador E) Presidenta da República

2 . Letra: B

3 Lei de Art. 1 o Fica o PODER EXECUTIVO autorizado a criar empresa pública unipessoal, na forma definida no inciso II do art. 5 o do DL 200/67 e no art. 5 o do DL 900/69, denominada Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares - EBSERH, com personalidade jurídica de direito privado e patrimônio próprio, vinculada ao MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO, COM PRAZO DE DURAÇÃO INDETER- MINADO.

4 2ª) Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares - EBSERH, com personalidade jurídica de direito privado e patrimônio próprio vincula-se: a) ao Ministério da Educação, com prazo de duração indeterminado. b) ao Ministério da Educação, com prazo de duração determinado. c) a) ao Ministério da Fazenda, com prazo de duração indeterminado. d) a) ao Ministério da Saúde, com prazo de duração determinado.

5 LETRA A

6 3ª) No Brasil as empresas públicas, que se subdividem em duas categorias: empresa pública UNIPESSOAL com patrimônio próprio e capital exclusivo da União e empresa pública de VÁRIOS SÓCIOS governamentais minoritários, que unem seus capitais à União, tendo, esta, a maioria do capital votante. A EBESERH é:

7 A) empresa pública pluripessoal, com personalidade jurídica de direito privado e patrimônio próprio. B) empresa pública unipessoal, com personalidade jurídica de direito público e patrimônio próprio. C) empresa pública de vários sócios, com personalidade jurídica de direito público e patrimônio próprio. D) empresa pública unipessoal, com personalidade jurídica de direito privado e patrimônio próprio. E) empresa privada unipessoal, com personalidade jurídica de direito privado e patrimônio próprio.

8 LETRA D

9 Lei de Art. 1 o... A Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares EBSERH : 1- EMPRESA PÚBLICA UNIPESSOAL 2- com personalidade jurídica de DIREITO PRIVADO 3- PATRIMÔNIO PRÓPRIO,

10 4ª) Julgue os itens abaixo: I- A EBSERH terá SEDE E FORO em Brasília, Distrito Federal, e poderá manter escritórios, representações, dependências e filiais em outras unidades da Federação. ( ) II- Fica a EBSERH autorizada a criar SUBSIDIÁRIAS para o desenvolvimento de atividades inerentes ao seu objeto social, com as mesmas características estabelecidas no caput deste artigo. ( )

11 A) Somente o item I está correta B) Os itens estão errados C) Somente o item II está errado D)Todos os itens estão corretos. E) Não há autorizada para criação de subsidiárias a exemplo transpetro, subsidiária da PETROBRÁS (SEM),

12 LETRA D

13 5ª) A EBSERH terá seu CAPITAL SOCIAL integralizado : A) pelos Estados. B) pelos municípios. C) pelo Distrito Federal D) Pela República Federativa Brasil E) União

14 LETRA E

15 Art. 2 o lei /2011- A EBSERH terá seu CAPITAL SOCIAL integralmente sob a propriedade da UNIÃO. Parágrafo único. A integralização do capital social será realizada com recursos oriundos de dotações consignadas no orçamento da União, bem como pela incorporação de qualquer espécie de bens e direitos suscetíveis de avaliação em dinheiro.

16 6ª) A EBSERH terá por FINALIDADE a prestação de serviços gratuitos: A) de assistência médico-hospitalar, ambulatorial. B) de apoio diagnóstico e terapêutico à comunidade. C) prestação às instituições públicas federais de ensino ou instituições congêneres de serviços de apoio ao ensino, à pesquisa e à extensão, ao ensino-aprendizagem e à formação de pessoas no campo da saúde pública. D) As alternativaa A, B e C estão corretas.

17 LETRA D

18 Art. 3 o LEI /2011- A EBSERH terá por FINALIDADE a prestação de serviços gratuitos de assistência médico-hospitalar, ambulatorial e de apoio diagnóstico e terapêutico à comunidade, assim como a prestação ÀS instituições públicas federais de ensino ou instituições congêneres de serviços de apoio ao ensino, à pesquisa e à extensão, ao ensino-aprendizagem e À formação de pessoas no campo da saúde pública, observada, nos termos do art. 207 da CF, a autonomia universitária.

19 7ª) As atividades de prestação de serviços de assistência à saúde pela EBSERH estarão inseridas integral e exclusivamente no âmbito do SUS. No desenvolvimento de suas atividades de assistência à saúde, a EBSERH observará as orientações da Política Nacional de Saúde, de responsabilidade do Ministério da Saúde, não podendo atender aquele que possui plano de saúde privado. ( ) certo ( ) errado

20 ERRADO

21 CONFORME o art. 3º, 3 o da lei /2011: É assegurado à EBSERH o ressarcimento das despesas com o atendimento de consumidores e respectivos dependentes de planos privados de assistência à saúde, na forma estabelecida pelo art. 32 da Lei n o 9.656/1998, observados os valores de referência estabelecidos pela Agência Nacional de Saúde Suplementar.

22 8ª) Compete à EBSERH: I - administrar unidades hospitalares, bem como prestar serviços de assistência médico-hospitalar, ambulatorial e de apoio diagnóstico e terapêutico à comunidade, no âmbito do SUS; II - prestar às instituições federais de ensino superior e a outras instituições congêneres serviços de apoio ao ensino, à pesquisa e à extensão, ao ensino-aprendizagem e à formação de pessoas no campo da saúde pública, mediante as condições que forem fixadas em seu estatuto social;

23 III - apoiar a execução de planos de ensino e pesquisa de instituições federais de ensino superior e de outras instituições congêneres, cuja vinculação com o campo da saúde pública ou com outros aspectos da sua atividade torne necessária essa cooperação, em especial na implementação das residências médica, multiprofissional e em área profissional da saúde, nas especialidades e regiões estratégicas para o SUS; IV - prestar serviços de apoio à geração do conhecimento em pesquisas básicas, clínicas e aplicadas nos hospitais universitários federais e a outras instituições congêneres;

24 V - prestar serviços de apoio ao processo de gestão dos hospitais universitários e federais e a outras instituições congêneres, com implementação de sistema de gestão único com geração de indicadores quantitativos e qualitativos para o estabelecimento de metas; e VI - exercer outras atividades inerentes às suas finalidades, nos termos do seu estatuto social.

25 A) Somente o item I está correta B) Os itens estão errados C) Somente o item I,II e III estão errado D)Todos os itens estão corretos. E) Somente o item VI está certo

26 LETRA D CONFORME ART. 4º DA LEI /2011

27 9ª) Marque a alternativa errada, quanto a legislação da EBESERH. A) É dispensada a licitação para a contratação da EBSERH pela administração pública para realizar atividades relacio-nadas ao seu objeto social. B) Fica mitigado o princípio da autonomia universitária. C) Ao contrato firmado será dada ampla divulgação ( internet). D) Haverá contrato de adesão.

28 LETRA B

29 Art. 5 º lei / É dispensada a licitação para a contratação da EBSERH pela administração pública para realizar atividades relacio-nadas ao seu objeto social. Art. 6 o A EBSERH, respeitado o princípio da autonomia universitária, poderá PRESTAR OS SERVIÇOS relacionados às suas competências mediante CONTRATO com as instituições federais de ensino ou instituições congêneres.

30 10ª) Consideram-se instituições congêneres, para efeitos da Lei /2011: I- as instituições públicas que desenvolvam atividades de ensino e de pesquisa na área da saúde. II- que prestem serviços no âmbito do Sistema Único de Saúde - SUS.

31 A) Somente o item I está correta B) Os itens estão errados C) Somente o item II está errado D)Todos os itens estão corretos. E) Não há previsão legal para os serviços no âmbito do Sistema Único de Saúde - SUS),

32 LETRA D

33 Art.6º, 3 o LEI / Consideram-se instituições congêneres, para efeitos desta Lei, as instituições públicas que desenvolvam atividades de ensino e de pesquisa na área da saúde e que prestem serviços no âmbito do Sistema Único de Saúde - SUS.

34 11ª) Os servidores titulares de cargo efetivo em exercício na instituição federal de ensino ou instituição congênere que exerçam atividades relacionadas ao objeto da EBSERH poderão ser a ela CEDIDOS para a realização de atividades de assistência à saúde e administrativas. A) Ficam assegurados aos servidores referidos acima os direitos e as vantagens a que façam jus no órgão ou entidade de origem. B) A CESSÃO de que trata a questão ocorrerá com ônus para o cessionário.

35 C) NÃO há previsão legal para cessão de servidores na legislação da EBSERH. D) as alternativa A e B estão erradas. E) as alternativa A e B estão corretas.

36 LETRA E

37 Art. 7 o - No âmbito dos contratos previstos no art. 6 o, os servidores titulares de cargo efetivo em exercício na instituição federal de ensino ou instituição congênere que exerçam atividades relacionadas ao objeto da EBSERH poderão ser a ela CEDIDOS para a realização de atividades de assistência à saúde e administrativas. 1 o - Ficam assegurados aos servidores referidos no caput os direitos e as vantagens a que façam jus no órgão ou entidade de origem. 2 o - A CESSÃO de que trata o caput ocorrerá com ônus para o cessionário.

38 12ª) A EBSERH SERÁ ADMINISTRADA POR: a) um conselho de administração, com funções deliberativas, b) por uma diretoria executiva c) um conselho fiscal d) um conselho consultivo. e) todas estão corretas.

39 LETRA e

40 Art. 9 o A EBSERH será administrada por um CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO, com funções deliberativas, e por uma DIRETORIA EXECUTIVA e contará ainda com um CONSELHO FISCAL e um CONSELHO CONSULTIVO. 1 o O estatuto social da EBSERH definirá a composição, as atribuições e o funcionamento dos órgãos referidos no caput. 2 o (VETADO). 3 o (VETADO).

41 13º) Julgue os itens: I- A atuação de membros da sociedade civil no Conselho Consultivo não será remunerada e será considerada como função relevante. II- Ato do Poder Legislativo aprovará o estatuto da EBSERH. (Decreto 7661 de 2011)

42 A) Somente o item I está correta B) Os itens estão errados C) Somente o item II está certo D)Todos os itens estão corretos. E) Todos os itens estão errados

43 LETRA a

44 Art. 9º, 4 o - A atuação de membros da sociedade civil no Conselho Consultivo não será remunerada e será considerada como função relevante. 5 o Ato do Poder Executivo aprovará o estatuto da EBSERH. (Decreto 7661 de 2011)

45 14ª) O regime de pessoal permanente da EBSERH será regulamentado: A) pela CLT e legislação complementar. B) por Estatuto. C) pela CLT e sem concurso público de provas ou de provas e títulos. D) por estatuto, observado o certame público E) pela CLT e pelo código civil.

46 LETRA a

47 Art. 10. O regime de pessoal PERMANENTE da EBSERH será a CLT, e legislação complementar, condicionada a contratação à prévia aprovação em concurso público de provas ou de provas e títulos, observadas as normas específicas editadas pelo Conselho de Administração. Parágrafo único. Os editais de concursos públicos para o preenchimento de emprego no âmbito da EBSERH poderão estabelecer, como título, o cômputo do tempo de exercício em atividades correlatas às atribuições do respectivo emprego.

48 Art. 11. Fica a EBSERH, para fins de sua implantação, autorizada a contratar, mediante PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO, pessoal técnico e administrativo por tempo determinado. 1 o Os contratos temporários de emprego de que trata o caput somente poderão ser celebrados durante os 2 anos subsequentes à constituição da EBSERH e, quando destinados ao cumprimento de contrato celebrado nos termos do art. 6 o, nos primeiros 180 dias de vigência dele.

49 Art.11, 2 o - Os contratos temporários de emprego de que trata o caput poderão ser prorrogados uma única vez, desde que a soma dos 2 (dois) períodos não ultrapasse 5 (cinco) anos.

50 15ª) Julgue os itens: I - A EBSERH e suas subsidiárias estarão sujeitas à fiscalização dos órgãos de controle interno do Poder Executivo e ao controle externo exercido pelo Congresso Nacional, com auxílio do Tribunal de Contas da União. II- A EBSERH fica autorizada a patrocinar entidade fechada de previdência privada, nos termos da legislação vigente.

51 A) Somente o item I está correta B) Os itens estão errados C) Somente o item II está certo D)Todos os itens estão corretos. E) Todos os itens estão parcialmente errados

52 LETRA D

53 Art. 14. A EBSERH e suas subsidiárias estarão sujeitas à fiscalização dos órgãos de controle interno do Poder Executivo e ao controle externo exercido pelo Congresso Nacional, com auxílio do Tribunal de Contas da União.

54 Art. 15. A EBSERH fica autorizada a patrocinar entidade fechada de previdência privada, nos termos da legislação vigente. Parágrafo único. O patrocínio de que trata o caput poderá ser feito mediante adesão a entidade fechada de previdência privada já existente.

55 16ª) A partir da assinatura do contrato entre a EBSERH e a instituição de ensino superior, a EBSERH disporá de prazo de: A) até 1 ano para reativação de leitos e serviço inativos por falta de pessoal. B) até 2 anos para reativação de leitos e serviço inativos por falta de pessoal. C) até 3 anos para reativação de leitos e serviço inativos por falta de pessoal. D) até 4 anos para reativação de leitos e serviço inativos por falta de pessoal.

56 LETRA A

57 Art. 16. A partir da assinatura do contrato entre a EBSERH e a instituição de ensino superior, a EBSERH disporá de prazo de até 1 (um) ano para reativação de leitos e serviço inativos por falta de pessoal. Art. 17. Os Estados poderão autorizar a criação de empresas públicas de serviços hospitalares.

LEI No , DE 15 DE DEZEMBRO DE 2011

LEI No , DE 15 DE DEZEMBRO DE 2011 LEI No 12.550, DE 15 DE DEZEMBRO DE 2011 Autoriza o Poder Executivo a criar a empresa pública denominada Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares EBSERH; acrescenta dispositivos ao Decreto-Lei no 2.848,

Leia mais

MEDIDA PROVISÓRIA Nº 520, DE 31 DE DEZEMBRO DE 2010.

MEDIDA PROVISÓRIA Nº 520, DE 31 DE DEZEMBRO DE 2010. MEDIDA PROVISÓRIA Nº 520, DE 31 DE DEZEMBRO DE 2010. Autoriza o Poder Executivo a criar a empresa pública denominada Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares S.A. - EBSERH e dá outras providências.

Leia mais

Legislação da Ebserh. Banca: EBSERH/CESPE-CEBRASPE

Legislação da Ebserh. Banca: EBSERH/CESPE-CEBRASPE Legislação da Ebserh Banca: EBSERH/CESPE-CEBRASPE 1 2 (Questão Inédita/Equipe RP) De acordo com o que dispõe a Lei 12.550/11 acerca da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares EBSERH, julgue os itens

Leia mais

Lei No de 2011 Criação da EBSERH.

Lei No de 2011 Criação da EBSERH. PROF. ÉRICO VALVERDE Lei No. 12.550 de 2011 Criação da EBSERH. EBSERH Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares, Hospitais Universitários Federais HUF s, Criada pelo Governo Federal, Vinculado ao Ministério

Leia mais

Legislação Aplicada à EBSERH Esquematizada

Legislação Aplicada à EBSERH Esquematizada Legislação Aplicada à EBSERH Esquematizada Prof. Gedalias Valentim O que é cobrado em Legislação Aplicada à EBSERH? Lei Federal 12.550/2011 Decreto 7.661/2011 Regimento Interno da EBSERH Normas mais gerais

Leia mais

Legislação Aplicada à EBSERH Esquematizada Prof. Gedalias Valentim

Legislação Aplicada à EBSERH Esquematizada Prof. Gedalias Valentim Legislação Aplicada à EBSERH Esquematizada Prof. Gedalias Valentim O que é cobrado em Legislação Aplicada à EBSERH? Lei Federal 12.550/2011 Decreto 7.661/2011 Regimento Interno da EBSERH Normas mais gerais

Leia mais

PROJETO DE LEI. O CONGRESSO NACIONAL decreta:

PROJETO DE LEI. O CONGRESSO NACIONAL decreta: PROJETO DE LEI Autoriza o Poder Executivo a criar a empresa pública denominada Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares S.A. - EBSERH e dá outras providências. O CONGRESSO NACIONAL decreta: Art. 1º

Leia mais

LEGISLAÇÃO APLICADA À EBSERH 2015 CURSO COMPLETO (TEORIA E QUESTÕES COMENTADAS)

LEGISLAÇÃO APLICADA À EBSERH 2015 CURSO COMPLETO (TEORIA E QUESTÕES COMENTADAS) LEGISLAÇÃO APLICADA À EBSERH 2015 CURSO COMPLETO (TEORIA E QUESTÕES COMENTADAS) 1ª AULA ASPECTOS GERAIS DA EBSERH Página 0 de 18 Olá, futura (o) concursada (o)! Seja bem-vinda (o) à metodologia de estudo

Leia mais

Capítulo 1. Aspectos Gerais da EBSERH

Capítulo 1. Aspectos Gerais da EBSERH Capítulo 1 Aspectos Gerais da EBSERH 1.1. Características da EBSERH A Lei n o 12.550, de 15 de dezembro de 2011, autoriza o Poder Executivo a criar a empresa pública denominada Empresa Brasileira de Serviços

Leia mais

MARCELO FERREIRA LEGISLAÇÃO APLICADA À EBSERH LEGISLAÇÕES 293 QUESTÕES DE PROVAS DE CONCURSOS DA EBSERH AOCP REVISADAS, GABARITADAS E FUNDAMENTADAS

MARCELO FERREIRA LEGISLAÇÃO APLICADA À EBSERH LEGISLAÇÕES 293 QUESTÕES DE PROVAS DE CONCURSOS DA EBSERH AOCP REVISADAS, GABARITADAS E FUNDAMENTADAS MARCELO FERREIRA LEGISLAÇÃO APLICADA À EBSERH LEGISLAÇÕES 293 QUESTÕES DE PROVAS DE CONCURSOS DA EBSERH AOCP REVISADAS, GABARITADAS E FUNDAMENTADAS Legislações e Seleção das Questões: Prof. Marcelo Ferreira

Leia mais

EBSERH comentada. Legislação aplicada à THADEU BORGES SOUZA SANTOS RAFAEL BARATA SILVA VALDENIR DE ALMEIDA DA SILVA GILBERTO TADEU REIS DA SILVA

EBSERH comentada. Legislação aplicada à THADEU BORGES SOUZA SANTOS RAFAEL BARATA SILVA VALDENIR DE ALMEIDA DA SILVA GILBERTO TADEU REIS DA SILVA GILBERTO TADEU REIS DA SILVA Coordenador THADEU BORGES SOUZA SANTOS RAFAEL BARATA SILVA VALDENIR DE ALMEIDA DA SILVA Legislação aplicada à EBSERH comentada 2016 Sumário Apresentação... 9 CAPÍTULO 1 Compreensões

Leia mais

1. (AOCP/2016/EBSERH/CH-UFPA)

1. (AOCP/2016/EBSERH/CH-UFPA) Legislação Aplicada à EBSERH Esquematizada Revisão! Prof. Gedalias Valentim 1. (AOCP/2016/EBSERH/CH-UFPA) Acerca do regime jurídico da EBSERH, disciplinado na Lei n 12.550/2011, assinale a alternativa

Leia mais

Livro Eletrônico. Aula 00. Legislação Aplicada à EBSERH 2017 Professor: Poly Aparecida DEMO

Livro Eletrônico. Aula 00. Legislação Aplicada à EBSERH 2017 Professor: Poly Aparecida DEMO Livro Eletrônico Aula 00 Legislação Aplicada à EBSERH 2017 Professor: Poly Aparecida AULA 00: LEI FEDERAL Nº 12.550 DE 15 DE DEZEMBRO DE 2011 SUMÁRIO PÁGINA 1. Apresentação do curso 02 2. Apresentação

Leia mais

CURSO DE LEGISLAÇÃO APLICADA À EBSERH ª AULA ASPECTOS GERAIS DA EBSERH

CURSO DE LEGISLAÇÃO APLICADA À EBSERH ª AULA ASPECTOS GERAIS DA EBSERH CURSO DE LEGISLAÇÃO APLICADA À EBSERH - 2015 1ª AULA ASPECTOS GERAIS DA EBSERH Equipe Professor Rômulo Passos 2015 C u r s o d e L e g i s l a ç ã o A p l i c a d a à E B S E R H Página 1 Olá, futura (o)

Leia mais

LEGISLAÇÃO APLICADA A EBSERH. Professor Gil Loja Controle na Saúde e Educação no Brasil

LEGISLAÇÃO APLICADA A EBSERH. Professor Gil Loja Controle na Saúde e Educação no Brasil LEGISLAÇÃO APLICADA A EBSERH Professor Gil Loja Controle na Saúde e Educação no Brasil LEGISLAÇÃO APLICADA A EBSERH Professor Gil Loja Controle na Saúde e Educação no Brasil Edital Ebserh 2018 Escolaridade:

Leia mais

1ª) São órgãos estatutários da EBSERH: I - o Conselho de Administração; II - a Diretoria Executiva; III - o Conselho Fiscal; e IV - o Conselho

1ª) São órgãos estatutários da EBSERH: I - o Conselho de Administração; II - a Diretoria Executiva; III - o Conselho Fiscal; e IV - o Conselho 1ª) São órgãos estatutários da EBSERH: I - o Conselho de Administração; II - a Diretoria Executiva; III - o Conselho Fiscal; e IV - o Conselho Consultivo. a) Somente I e II estão erradas b) Somente I e

Leia mais

LEI 1485/2016. O PREFEITO MUNICIPAL, no uso de suas atribuições legais, apresenta o seguinte Projeto de Lei:

LEI 1485/2016. O PREFEITO MUNICIPAL, no uso de suas atribuições legais, apresenta o seguinte Projeto de Lei: LEI 1485/2016 Autoriza o Poder Executivo Municipal a criar a Empresa Pública denominada Empresa Municipal de Beneficiamento e Processamento de Pescado e Produção de Farinha e Ração - EMBPPFR; e dá outras

Leia mais

CURSO DE CONHECIMENTOS BÁSICOS EBSERH BANCA AOCP AULAS TEORIA E QUESTÕES COMENTADAS

CURSO DE CONHECIMENTOS BÁSICOS EBSERH BANCA AOCP AULAS TEORIA E QUESTÕES COMENTADAS CURSO DE CONHECIMENTOS BÁSICOS EBSERH BANCA AOCP 2015 24 AULAS TEORIA E QUESTÕES COMENTADAS Equipe Professor Rômulo Passos 2015 Página 0 de 24 Olá, futura (o) concursada (o)! Seja bem-vinda (o) ao curso

Leia mais

O que é a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares?

O que é a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares? O que é a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares? Resposta: A Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH) é uma empresa pública criada pelo Governo Federal com autorização do Poder Legislativo

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos LEI Nº 12.304, DE 2 DE AGOSTO DE 2010. Autoriza o Poder Executivo a criar a empresa pública denominada Empresa Brasileira de Administração

Leia mais

COMISSÃO ESPECIAL DESTINADA A PROFERIR PARECER AO PROJETO DE LEI N.º 1.749, DE 2011 PROJETO DE LEI Nº 1.749, DE 2011

COMISSÃO ESPECIAL DESTINADA A PROFERIR PARECER AO PROJETO DE LEI N.º 1.749, DE 2011 PROJETO DE LEI Nº 1.749, DE 2011 COMISSÃO ESPECIAL DESTINADA A PROFERIR PARECER AO PROJETO DE LEI N.º 1.749, DE 2011 PROJETO DE LEI Nº 1.749, DE 2011 Autoriza o Poder Executivo a criar a empresa pública denominada Empresa Brasileira de

Leia mais

Moisés Santos da Silva. Legislação aplicada à EBSERH. 1ª edição

Moisés Santos da Silva. Legislação aplicada à EBSERH. 1ª edição Moisés Santos da Silva Legislação aplicada à EBSERH 1ª edição Edição do autor 2015 Sumário Importante - Leia... 4 Sobre o autor... 5 EBSERH... 6 Finalidades... 7 Competências... 9 Da Estrutura de Governança

Leia mais

Aula 00 Demonstrativa

Aula 00 Demonstrativa Aula 00 Demonstrativa Legislação Aplicada à EBSERH Professores Cá Cardoso e Wellington Silva www.pontodosconcursos.com.br Prof. Cá Cardoso e Prof. Wellington Silva 1 Aula 00 Aula Demonstrativa: Aspectos

Leia mais

Edição Número 51 de 16/03/2004. Autoriza a criação da Empresa de Pesquisa Energética - EPE e dá outras providências.

Edição Número 51 de 16/03/2004. Autoriza a criação da Empresa de Pesquisa Energética - EPE e dá outras providências. LEI Nº 10.847, DE 15 DE MARÇO DE 2004 Edição Número 51 de 16/03/2004 Autoriza a criação da Empresa de Pesquisa Energética - EPE e dá outras providências. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso

Leia mais

O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no uso da atribuição que lhe confere o art. 62 da Constituição, adota a seguinte Medida Provisória, com força de lei:

O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no uso da atribuição que lhe confere o art. 62 da Constituição, adota a seguinte Medida Provisória, com força de lei: MEDIDA PROVISÓRIA Nº 771, DE 29 DE MARÇO DE 2017 (DOU 30/03/2017) Transforma a Autoridade Pública Olímpica - APO na Autoridade de Governança do Legado Olímpico - AGLO e dá outras providências. O PRESIDENTE

Leia mais

DECRETO Nº 7.808, DE 20 DE SETEMBRO DE 2012

DECRETO Nº 7.808, DE 20 DE SETEMBRO DE 2012 DECRETO Nº 7.808, DE 20 DE SETEMBRO DE 2012 Cria a Fundação de Previdência Complementar do Servidor Público Federal do Poder Executivo - Funpresp-Exe, dispõe sobre sua vinculação no âmbito do Poder Executivo

Leia mais

SIC 07/2011* Belo Horizonte, 13 de janeiro de 2011.

SIC 07/2011* Belo Horizonte, 13 de janeiro de 2011. SIC 07/2011* Belo Horizonte, 13 de janeiro de 2011. 1. ENADE 2010. DISPENSA. REQUERIMENTO. DISCIPLINAMENTO. PRAZO. PRORROGAÇÃO. PORTARIA Nº 6, DE 6 DE DEZEMBRO DE 2010. INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS E

Leia mais

Empresa Pública Brasileira de Biotecnologia em Saúde - Bio-Manguinhos/Fiocruz

Empresa Pública Brasileira de Biotecnologia em Saúde - Bio-Manguinhos/Fiocruz Empresa Pública Brasileira de Biotecnologia em Saúde - Bio-Manguinhos/Fiocruz PL e Estatuto Fiocruz com Empresa Câmara Técnica Assessora 21 de outubro de 2013 Agenda Reporte das Reuniões no Executivo (15/10)

Leia mais

DICA 1 ANVISA LEI N /1999. a. Ações compreendidas dentro do SNVS

DICA 1 ANVISA LEI N /1999. a. Ações compreendidas dentro do SNVS DICA 1 ANVISA LEI N. 9.782/1999 Anvisa Lei n. 9.782/1999 DICA 1 Objetivos da Lei 1. Define o Sistema Nacional de Vigilância Sanitária SNVS Observações sobre o SNVS a. Ações compreendidas dentro do SNVS

Leia mais

NORMA REGULADORA DA RELAÇÃO DO HOSPITAL DE CLINICAS DE PORTO ALEGRE COM A FUNDAÇÃO MÉDICA DO RIO GRANDE DO SUL

NORMA REGULADORA DA RELAÇÃO DO HOSPITAL DE CLINICAS DE PORTO ALEGRE COM A FUNDAÇÃO MÉDICA DO RIO GRANDE DO SUL NORMA REGULADORA DA RELAÇÃO DO HOSPITAL DE CLINICAS DE PORTO ALEGRE COM A FUNDAÇÃO MÉDICA DO RIO GRANDE DO SUL Considerando os objetivos do Hospital de Clínicas de Porto Alegre - HCPA, em especial, sua

Leia mais

ESTATUTO SOCIAL DA FUNDAÇÃO DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR DO ESTADO DA BAHIA - PREVBAHIA

ESTATUTO SOCIAL DA FUNDAÇÃO DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR DO ESTADO DA BAHIA - PREVBAHIA DE ESTATUTO SOCIAL DA FUNDAÇÃO DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO ESTADO DA BAHIA - PREVBAHIA Art. 1º A Fundação de Previdência Complementar dos Servidores Públicos do Estado da Bahia

Leia mais

Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei: LEI Nº 13.474, DE 23 DE AGOSTO DE 2017 (DOU 24/08/2017) Transforma a Autoridade Pública Olímpica (APO) na Autoridade de Governança do Legado Olímpico (Aglo); altera a Lei no 11.356, de 19 de outubro de

Leia mais

DECRETO Nº 566, DE 10 DE JUNHO DE 1992

DECRETO Nº 566, DE 10 DE JUNHO DE 1992 DECRETO Nº 566, DE 10 DE JUNHO DE 1992 Aprova o Regulamento do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no uso da atribuição que lhe confere o art. 84, inciso IV, da Constituição,

Leia mais

Centro da Memória da Eletricidade no Brasil MEMÓRIA DA ELETRICIDADE ESTATUTO. CAPÍTULO I. Da Denominação, Objeto, Sede e Duração.

Centro da Memória da Eletricidade no Brasil MEMÓRIA DA ELETRICIDADE ESTATUTO. CAPÍTULO I. Da Denominação, Objeto, Sede e Duração. Centro da Memória da Eletricidade no Brasil MEMÓRIA DA ELETRICIDADE ESTATUTO CAPÍTULO I. Da Denominação, Objeto, Sede e Duração. Art. 1º - O Centro da Memória da Eletricidade no Brasil - MEMÓRIA DA ELETRICIDADE

Leia mais

20/11/2013. Regimento Interno CAPITULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS CAPITULO II - INSTANCIAS DE GOVERNANÇA CAPITULO III DO CORPO DIRETIVO

20/11/2013. Regimento Interno CAPITULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS CAPITULO II - INSTANCIAS DE GOVERNANÇA CAPITULO III DO CORPO DIRETIVO PROF. ÉRICO VALVERDE Regimento Interno CAPITULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS CAPITULO II - INSTANCIAS DE GOVERNANÇA CAPITULO III DO CORPO DIRETIVO 1 Regimento Interno CAPITULO IV DO CONTRATO DE ADESÃO COM

Leia mais

AUTORIZA A CRIAÇÃO DA EMPRESA MUNICIPAL DE ARTES GRÁFICAS IMPRENSA DA CIDADE, DISPÕE SOBRE A DEFINIÇÃO DE SUA ESTRUTURA, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.

AUTORIZA A CRIAÇÃO DA EMPRESA MUNICIPAL DE ARTES GRÁFICAS IMPRENSA DA CIDADE, DISPÕE SOBRE A DEFINIÇÃO DE SUA ESTRUTURA, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. Publicado no D.O. Rio, em 30 de abril de 1992. LEI N. 1866 DE 28 DE ABRIL DE 1992 AUTORIZA A CRIAÇÃO DA EMPRESA MUNICIPAL DE ARTES GRÁFICAS IMPRENSA DA CIDADE, DISPÕE SOBRE A DEFINIÇÃO DE SUA ESTRUTURA,

Leia mais

REDAÇÃO FINAL PROJETO DE LEI Nº 1.749-C DE 2011

REDAÇÃO FINAL PROJETO DE LEI Nº 1.749-C DE 2011 REDAÇÃO FINAL PROJETO DE LEI Nº 1.749-C DE 2011 Autoriza o Poder Executivo a criar a empresa pública denominada Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares EBSERH; acrescenta dispositivos ao Decreto-Lei

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos 1 de 5 01/09/2016 09:30 Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos DECRETO N o 3.017, DE 6 DE ABRIL DE 1999. Aprova o Regimento do Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo

Leia mais

Senador Eunício Oliveira Presidente da Mesa do Congresso Nacional

Senador Eunício Oliveira Presidente da Mesa do Congresso Nacional Ofício nº (CN) Brasília, em de de 2018. A Sua Excelência o Senhor Deputado Rodrigo Maia Presidente da Câmara dos Deputados Assunto: Encaminha processado de Medida Provisória. Senhor Presidente, Encaminho

Leia mais

CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL 1988

CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL 1988 CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL 1988 TÍTULO IV DA ORGANIZAÇÃO DOS PODERES CAPÍTULO IV DAS FUNÇÕES ESSENCIAIS À JUSTIÇA Seção I Do Ministério Público Art. 127. O Ministério Público é instituição

Leia mais

ESTADO DO TOCANTINS PREFEITURA DE COLINAS DO TOCANTINS

ESTADO DO TOCANTINS PREFEITURA DE COLINAS DO TOCANTINS LEI MUNICIPAL Nº. 1.070, DE 21DE DEZEMBRO DE 2009. Autoriza o Poder Executivo a criar a Empresa Pública denominada FRIGORÍFICO PÚBLICO MUNICIPAL DE COLINAS DO TOCANTINS FRIGOCOL, e dá outras providências.

Leia mais

PROPOSTA DE ALTERAÇÃO DA LEI Nº 4.787, DE 26 DE JUNHO DE 2006.

PROPOSTA DE ALTERAÇÃO DA LEI Nº 4.787, DE 26 DE JUNHO DE 2006. Altera a Lei nº 4.787, de 26 de junho de 2006, e dá outras providências. O Governador do Estado do Rio de Janeiro, Faço saber que a Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro decreta e eu sanciono

Leia mais

REGIMENTO DA SECRETARIA DE RELAÇÕES INSTITUCIONAIS CAPÍTULO I FINALIDADE E COMPETÊNCIA

REGIMENTO DA SECRETARIA DE RELAÇÕES INSTITUCIONAIS CAPÍTULO I FINALIDADE E COMPETÊNCIA REGIMENTO DA SECRETARIA DE RELAÇÕES INSTITUCIONAIS CAPÍTULO I FINALIDADE E COMPETÊNCIA Art. 1º - A Secretaria de Relações Institucionais SERIN, criada pela Lei nº 10.549, de 28 de dezembro de 2006, tem

Leia mais

ATO DA COMISSÃO DIRETORA Nº 9, DE A COMISSÃO DIRETORA DO SENADO FEDERAL, no uso de suas atribuições legais e regimentais, RESOLVE:

ATO DA COMISSÃO DIRETORA Nº 9, DE A COMISSÃO DIRETORA DO SENADO FEDERAL, no uso de suas atribuições legais e regimentais, RESOLVE: ATO DA COMISSÃO DIRETORA Nº 9, DE 1995. Dispõe sobre a assistência à saúde prestada aos Senadores e seus dependentes e aos Ex-Senadores e seus cônjuges. A COMISSÃO DIRETORA DO SENADO FEDERAL, no uso de

Leia mais

Faço saber que a Assembleia Legislativa decreta e eu promulgo a seguinte lei complementar:

Faço saber que a Assembleia Legislativa decreta e eu promulgo a seguinte lei complementar: LEI COMPLEMENTAR Nº 1.266, DE 15 DE JUNHO DE 2015 Dispõe sobre a criação da Agência Metropolitana de Sorocaba AGEMSOROCABA, nos termos da Lei Complementar nº 1.241, de 8 de de 2014, e dá providências correlatas.

Leia mais

O GOVERNADOR DO ESTADO DE SANTA CATARINA,

O GOVERNADOR DO ESTADO DE SANTA CATARINA, LEI COMPLEMENTAR Nº 39, de 09 de setembro de 1991 Publicada no Diário Oficial 14.277 de 12/10/91 (alterada pela LEI COMPLEMENTAR Nº 234, de 19 de julho de 2002) Dispõe sobre normas de ingresso e promoção

Leia mais

O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no uso da atribuição que lhe confere o art. 62º da Constituição, adota a seguinte Medida Provisória, com força de lei:

O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no uso da atribuição que lhe confere o art. 62º da Constituição, adota a seguinte Medida Provisória, com força de lei: MEDIDA PROVISÓRIA Nº. 2.200-2, 2, DE 24 DE AGOSTO DE 2001 Institui a Infra-Estrutura de Chaves Públicas Brasileira - ICP-Brasil, transforma o Instituto Nacional de Tecnologia da Informação em autarquia,

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos DECRETO Nº 7.388, DE 9 DE DEZEMBRO DE 2010. Dispõe sobre a composição, estruturação, competências e funcionamento do Conselho Nacional

Leia mais

NOTA CONASEMS PORTARIA n. 748 de 27/03/2018 DOU 28/03/2018

NOTA CONASEMS PORTARIA n. 748 de 27/03/2018 DOU 28/03/2018 NOTA CONASEMS PORTARIA n. 748 de 27/03/2018 DOU 28/03/2018 O Financiamento da Saúde, de acordo com a Constituição Federal de 1988, é responsabilidade das três esferas de Governo, com recursos oriundos

Leia mais

Minuta de Projeto de Lei

Minuta de Projeto de Lei Minuta de Projeto de Lei A l t e r a a s L e i s n º 17.663/2012 e nº 16.893/10, que dispõem s o b r e a C a r r e i r a d o s S e r v i d o r e s d o P o d e r Judiciário do Estado de G o i á s e d á

Leia mais

PROVA MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO TÉCNICO DO MPU QUESTÕES DE AFO

PROVA MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO TÉCNICO DO MPU QUESTÕES DE AFO PROVA MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO TÉCNICO DO MPU QUESTÕES DE AFO Questão 106 Prof. Manuel Piñon Trata-se, a princípio, de uma estatal não dependente, já que a assertiva fala em custear com recursos próprios

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão. CONTRIBUIÇÃO PRELIMINAR DA COMISSÃO DE HOSPITAIS UNIVERSITPÁRIOS DA ANDIFES COM VISTA À ELABORAÇÃO DE UMA CARTILHA PARA ESCLARECIMENTOS SOBRE A RELAÇÃO ENTRE A EMPRESA BRASILEIRA DE SERVIÇOS HOSPITALARES

Leia mais

LEI N.º DE 04 DE JUNHO DE 2004 * O GOVERNADOR DO ESTADO DE SERGIPE, Faço saber que a Assembléia Legislativa do estado aprovou e que sanciono a

LEI N.º DE 04 DE JUNHO DE 2004 * O GOVERNADOR DO ESTADO DE SERGIPE, Faço saber que a Assembléia Legislativa do estado aprovou e que sanciono a LEI N.º 5.360 DE 04 DE JUNHO DE 2004 * Dispõe sobre o Fundo de Defesa do Meio Ambiente de Sergipe FUNDEMA/SE, dá outras providências. O GOVERNADOR DO ESTADO DE SERGIPE, seguinte Lei: Faço saber que a Assembléia

Leia mais

LEI COMPLEMENTAR Nº 1.258, DE 12 DE JANEIRO DE Faço saber que a Assembleia Legislativa decreta e eu promulgo a seguinte lei complementar:

LEI COMPLEMENTAR Nº 1.258, DE 12 DE JANEIRO DE Faço saber que a Assembleia Legislativa decreta e eu promulgo a seguinte lei complementar: LEI COMPLEMENTAR Nº 1.258, DE 12 DE JANEIRO DE 2015 Dispõe sobre a criação da Agência Metropolitana do Vale do Paraíba e Litoral Norte - AGEMVALE, altera dispositivo da Lei Complementar nº 1.166, de 2012,

Leia mais

CONSÓRCIOS PÚBLICOS, CONVÊNIOS DE COOPERAÇÃO E OUTROS CONVÊNIOS MARCOS AUGUSTO PEREZ DES0417

CONSÓRCIOS PÚBLICOS, CONVÊNIOS DE COOPERAÇÃO E OUTROS CONVÊNIOS MARCOS AUGUSTO PEREZ DES0417 CONSÓRCIOS PÚBLICOS, CONVÊNIOS DE COOPERAÇÃO E OUTROS CONVÊNIOS MARCOS AUGUSTO PEREZ DES0417 Interfederativas Parcerias públicopúblico Consórcios Convênios de cooperação Contrato de programa Regiões metropolitanas

Leia mais

1. Questões Prova ALE GO Policial Legislativo... 2

1. Questões Prova ALE GO Policial Legislativo... 2 1. Questões Prova ALE GO Policial Legislativo... 2 Questões de Legislação Específica para a ALE GO/2019 1 1. QUESTÕES PROVA ALE GO POLICIAL LEGISLATIVO 3. [IADES POLICIAL LEGISLATIVO ALE GO] A Certo. Sim,

Leia mais

LEGISLAÇÃO RELATIVA À REGIÃO METROPOLITANA DE ARACAJU

LEGISLAÇÃO RELATIVA À REGIÃO METROPOLITANA DE ARACAJU LEGISLAÇÃO RELATIVA À REGIÃO METROPOLITANA DE ARACAJU LEI ORDINÁRIA Nº 5.355, de 4 de junho de 2004 Dispõe sobre a instituição do Conselho de Desenvolvimento da Região Metropolitana de Aracaju - CONDEMETRO,

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Page 1 of 6 Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos LEI Nº 11.350, DE 5 DE OUTUBRO DE 2006. Conversão da MPv nº 297, de 2006 Regulamenta o 5 o do art. 198 da Constituição,

Leia mais

PORTARIA GM N , DE 28 DE DEZEMBRO DE 2017 Altera a Portaria de Consolidação nº 6/GM/MS, de 28 de setembro de 2017, para dispor sobre o

PORTARIA GM N , DE 28 DE DEZEMBRO DE 2017 Altera a Portaria de Consolidação nº 6/GM/MS, de 28 de setembro de 2017, para dispor sobre o PORTARIA GM N. 3.992, DE 28 DE DEZEMBRO DE 2017 Altera a Portaria de Consolidação nº 6/GM/MS, de 28 de setembro de 2017, para dispor sobre o financiamento e a transferência dos recursos federais para as

Leia mais

CONTABILIDADE PÚBLICA

CONTABILIDADE PÚBLICA CONTABILIDADE PÚBLICA Contabilidade Pública Noções Introdutórias Parte 4 Prof. Cláudio Alves OBJETIVO DA CONTABILIDADE PÚBLICA: Segundo a Lei 4.320/64 podemos destacar como objetivos da Contabilidade Pública

Leia mais

EBSERH QUESTÕES COMENTADAS LEGISLAÇÃO APLICADA AO SUS CONCURSO EBSERH PARÁ AOCP/2016. Prof.ª Natale Souza

EBSERH QUESTÕES COMENTADAS LEGISLAÇÃO APLICADA AO SUS CONCURSO EBSERH PARÁ AOCP/2016. Prof.ª Natale Souza EBSERH QUESTÕES COMENTADAS LEGISLAÇÃO APLICADA AO SUS CONCURSO EBSERH PARÁ AOCP/2016 NÍVEL MÉDIO/TÉCNICO TARDE Prof.ª Natale Souza Olá queridos concurseiros EBSERH, vamos continuar os estudos? Vários editais

Leia mais

POLÍTICAS PÚBLICAS Aula 11. Prof. a Dr. a Maria das Graças Rua

POLÍTICAS PÚBLICAS Aula 11. Prof. a Dr. a Maria das Graças Rua POLÍTICAS PÚBLICAS Aula 11 Prof. a Dr. a Maria das Graças Rua O Financiamento do SUS: CF-88 art. 198: O SUS é financiado por recursos do Orçamento da Seguridade Social da União, dos estados, do Distrito

Leia mais

PROPOSTA DE ALTERAÇÃO DA LEI Nº 4.787, DE 26 DE JUNHO DE DELIBERAÇÃO PLENÁRIA

PROPOSTA DE ALTERAÇÃO DA LEI Nº 4.787, DE 26 DE JUNHO DE DELIBERAÇÃO PLENÁRIA Altera a Lei nº 4.787, de 26 de junho de 2006, e dá outras providências. O Governador do Estado do Rio de Janeiro, Faço saber que a Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro decreta e eu sanciono

Leia mais

ESTATUTO DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA

ESTATUTO DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA ESTATUTO DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA Plano Nacional de Direitos das Pessoas com Deficiência Prof. Caio Silva de Sousa - Artigo 1º Fica instituído o Plano Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência Plano

Leia mais

MEDIDA PROVISÓRIA Nº 557, DE 26 DE DEZEMBRO DE 2011.

MEDIDA PROVISÓRIA Nº 557, DE 26 DE DEZEMBRO DE 2011. MEDIDA PROVISÓRIA Nº 557, DE 26 DE DEZEMBRO DE 2011. Institui o Sistema Nacional de Cadastro, Vigilância e Acompanhamento da Gestante e Puérpera para Prevenção da Mortalidade Materna, autoriza a União

Leia mais

LEI COMPLEMENTAR ESTADUAL Nº 853, DE 23 DE DEZEMBRO DE 1998.

LEI COMPLEMENTAR ESTADUAL Nº 853, DE 23 DE DEZEMBRO DE 1998. LEI COMPLEMENTAR ESTADUAL Nº 853, DE 23 DE DEZEMBRO DE 1998. Dispõe sobre a criação da Agência Metropolitana da Baixada Santista - AGEM e dá outras providências correlatas VIDE: Lei Complementar nº 853

Leia mais

Lei nº 815 de 20 de fevereiro de 2017.

Lei nº 815 de 20 de fevereiro de 2017. Lei nº 815 de 20 de fevereiro de 2017. Dispõe sobre contratação por tempo determinado para atender a necessidade temporária de excepcional interesse público, nos termos do inciso IX do Art. 37 da Constituição

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO CONSELHO UNIVERSITÁRIO SECRETARIA DOS ÓRGÃOS COLEGIADOS

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO CONSELHO UNIVERSITÁRIO SECRETARIA DOS ÓRGÃOS COLEGIADOS UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO CONSELHO UNIVERSITÁRIO SECRETARIA DOS ÓRGÃOS COLEGIADOS DELIBERAÇÃO N 0 46, DE 02 DE DEZEMBRO DE 2011 O CONSELHO UNIVERSITÁRIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL

Leia mais

LEGISLAÇÃO INDIGENISTA

LEGISLAÇÃO INDIGENISTA - LEGISLAÇÃO INDIGENISTA - - Lei nº 5.371/67 - Criação da FUNAI - Professor: Marcos Girão - OS ANTECESSORES 1 OS ANTECESSORES ANTES DA EXISTÊNCIA DA FUNAI o Serviço de Proteção aos Índios (SPI) o Conselho

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE GOIÁS Secretaria de Estado da Casa Civil LEI Nº , DE 06 DE ABRIL DE 2018

GOVERNO DO ESTADO DE GOIÁS Secretaria de Estado da Casa Civil LEI Nº , DE 06 DE ABRIL DE 2018 GOVERNO DO ESTADO DE GOIÁS Secretaria de Estado da Casa Civil LEI Nº 20.033, DE 06 DE ABRIL DE 2018 Altera a Lei estadual nº 17.663/2012, que dispõe sobre a Carreira dos Servidores do Poder Judiciário

Leia mais

PORTARIA Nº 83, DE 10 DE JANEIRO DE 2018

PORTARIA Nº 83, DE 10 DE JANEIRO DE 2018 PORTARIA Nº 83, DE 10 DE JANEIRO DE 2018 Institui o Programa de Formação Técnica para Agentes de Saúde - PROFAGS, para oferta de curso de formação técnica em enfermagem para Agentes Comunitários de Saúde

Leia mais

Art. 3º Constituem receitas do Fundo Penitenciário Municipal FUNPEM/BARREIRAS:

Art. 3º Constituem receitas do Fundo Penitenciário Municipal FUNPEM/BARREIRAS: LEI Nº 1.317, DE 27 DE NOVEMBRO DE 2018. Institui o Fundo Penitenciário Municipal FUNPEM/BARREIRAS e dá outras providências. O PREFEITO MUNICIPAL DE BARREIRAS-BA, no uso de suas atribuições legais que

Leia mais

Aos clientes VISÃO CONSULTORIA Tarumã,SP, 09 de Janeiro de MEMO nº 01/2017.

Aos clientes VISÃO CONSULTORIA Tarumã,SP, 09 de Janeiro de MEMO nº 01/2017. Aos clientes VISÃO CONSULTORIA Tarumã,SP, 09 de Janeiro de 2017. MEMO nº 01/2017. Assunto: DECRETO QUE ALTERA O DECRETO Nº 6.170 DE 5 DE JULHO DE 2007. Prezados (as) Senhores (as): Dispõe sobre as normas

Leia mais

LEI COMPLEMENTAR N 319, DE 30 DE JUNHO DE 2008.

LEI COMPLEMENTAR N 319, DE 30 DE JUNHO DE 2008. LEI COMPLEMENTAR N 319, DE 30 DE JUNHO DE 2008. Publicado no D.O.E no dia 30/06/2008. Autor: Poder Executivo Altera e revoga dispositivos da Lei Complementar nº 30, de 15 de dezembro de 1993 e adota outras

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE BAURU

PREFEITURA MUNICIPAL DE BAURU DECRETO N 8290, DE 17 DE SETEMBRO DE 1998 Aprova o Estatuto da Empresa Municipal de Desenvolvimento Urbano e Rural de Bauru - EMDURB NILSON FERREIRA COSTA, Prefeito Municipal de Bauru, Estado de São Paulo,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO N 01/2013

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO N 01/2013 RESOLUÇÃO N 01/2013 Estabelece o Regimento do Hospital Veterinário Universitário da UNIVASF. O DA FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO, no uso de suas atribuições legais e estatutárias

Leia mais

LEI Nº , DE 5 DE JUNHO DE 2013.

LEI Nº , DE 5 DE JUNHO DE 2013. Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos LEI Nº 12.816, DE 5 DE JUNHO DE 2013. Altera as Leis nos 12.513, de 26 de outubro de 2011, para ampliar o rol de beneficiários e ofertantes

Leia mais

ATOS DO PODER EXECUTIVO MEDIDA PROVISÓRIA Nº 570, DE 14 DE MAIO DE

ATOS DO PODER EXECUTIVO MEDIDA PROVISÓRIA Nº 570, DE 14 DE MAIO DE ATOS DO PODER EXECUTIVO MEDIDA PROVISÓRIA Nº 570, DE 14 DE MAIO DE 2012 Altera a Lei no 10.836, de 9 de janeiro de 2004; dispõe sobre o apoio financeiro da União aos Municípios e ao Distrito Federal para

Leia mais

ABIN - Sistema Brasileiro de Inteligência e Agência Brasileira de Inteligência

ABIN - Sistema Brasileiro de Inteligência e Agência Brasileira de Inteligência Legislação Federal ABIN - Sistema Brasileiro de Inteligência e Agência Brasileira de Inteligência Lei n.º 9.883 de 1999 - Sistema Brasileiro de Inteligência e Agência Brasileira de Inteligência ABIN Parte

Leia mais

LEI Nº DE 06 DE JANEIRO DE 2010

LEI Nº DE 06 DE JANEIRO DE 2010 LEI Nº 5.639 DE 06 DE JANEIRO DE 2010 DISPÕE SOBRE OS CONTRATOS DE GESTÃO ENTRE O ÓRGÃO GESTOR E EXECUTOR DA POLÍTICA ESTADUAL DE RECURSOS HÍDRICOS E ENTIDADES DELEGATÁRIAS DE FUNÇÕES DE AGÊNCIA DE ÁGUA

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE VILA VELHA ESTADO DO ESPÍRITO SANTO Deus seja louvado

PREFEITURA MUNICIPAL DE VILA VELHA ESTADO DO ESPÍRITO SANTO Deus seja louvado PROJETO DE LEI Nº 018/2015 Dispõe sobre a contratação por tempo determinado para atender a necessidade temporária de excepcional interesse público, nos termos do inciso IX, do art. 37, da Constituição

Leia mais

REGULAMENTO DO PLANO DE GESTÃO ADMINISTRATIVA DA PREVIDÊNCIA USIMINAS

REGULAMENTO DO PLANO DE GESTÃO ADMINISTRATIVA DA PREVIDÊNCIA USIMINAS REGULAMENTO DO PLANO DE GESTÃO ADMINISTRATIVA DA PREVIDÊNCIA USIMINAS SUMÁRIO PÁGINA Capítulo I Da Finalidade... 2 Capítulo II Do Glossário... 2 Capítulo III Das Atribuições da Diretoria Executiva... 3

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE ITABUNA

PREFEITURA MUNICIPAL DE ITABUNA L E I Nº 2.377, de 19 de janeiro de 2017 EMENTA: Cria o emprego público de CONDUTOR SOCORRISTA vinculado à Secretaria Municipal de Saúde e, dá outras providências. O PREFEITO MUNICIPAL DE ITABUNA faço

Leia mais

LEI Nº , DE 13 DE JUNHO DE 2017.

LEI Nº , DE 13 DE JUNHO DE 2017. LEI Nº 12.263, DE 13 DE JUNHO DE 2017. Autoriza o Executivo Municipal a contratar 15 (quinze) enfermeiros, 40 (quarenta) técnicos de enfermagem e 15 (quinze) auxiliares de farmácia, por prazo determinado,

Leia mais

LEI N.º , DE 5 DE OUTUBRO DE 2006

LEI N.º , DE 5 DE OUTUBRO DE 2006 LEI N.º 11.350, DE 5 DE OUTUBRO DE 2006 Regulamenta o 5o do art. 198 da Constituição Federal, dispõe sobre o aproveitamento de pessoal amparado pelo parágrafo único do art. 2o da Emenda Constitucional

Leia mais

Cessão de Servidores

Cessão de Servidores Cessão de Servidores Reinaldo Gomes Ferreira Diretor da DAP Itens a serem abordados 1. Conceito; 2. Requisitos; 3. Prejulgados; 4. Previdência; 5. Jurisprudência; 6. Principais problemas detectados. 1

Leia mais

A Governadora do Estado do Rio de Janeiro, Faço saber que a Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

A Governadora do Estado do Rio de Janeiro, Faço saber que a Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro decreta e eu sanciono a seguinte Lei: Page 1 of 9 LEI Nº 4.787, DE 26 DE JUNHO DE 2006. DISPÕE SOBRE O QUADRO DE PESSOAL E O PLANO DE CARREIRAS DO TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO. A Governadora do Estado do Rio de Janeiro, Faço

Leia mais

Art. 3º ( ) I planejar, executar e avaliar atividades de ensino e pesquisa nas áreas pertinentes à gestão pública;

Art. 3º ( ) I planejar, executar e avaliar atividades de ensino e pesquisa nas áreas pertinentes à gestão pública; LEI N.º 8.810, DE 12 DE JULHO DE 2017 Redenomina a Escola de Governo e Gestão do Município de Jundiaí-EGGMJ para Escola de Gestão Pública de Jundiaí-EGP e altera a Lei 7.641/11, para reestruturar o órgão

Leia mais

QUADRO COMPARATIVO DAS PROPOSTAS PARA REVOGAÇÃO DA LEI 7176/97

QUADRO COMPARATIVO DAS PROPOSTAS PARA REVOGAÇÃO DA LEI 7176/97 QUADRO COMPARATIVO DAS PROPOSTAS PARA REVOGAÇÃO DA LEI 7176/97 PROPOSTA GOVERNO Art. 1º - A Universidade do Estado da Bahia - UNEB, criada pela Lei Delegada n.º 66, de 1º de junho de 1983, a Universidade

Leia mais

NESC/UFG NÚCLEO DE ESTUDOS EM SAÚDE COLETIVA

NESC/UFG NÚCLEO DE ESTUDOS EM SAÚDE COLETIVA REGIMENTO CAPÍTULO I DA PERSONALIDADE, AUTONOMIA E SEDE Art. 1º O Núcleo de Estudos em Saúde Coletiva é uma entidade de trabalho interdisciplinar, sem fins lucrativos, com finalidades científicas na área

Leia mais

Lei nº 9.615/1998, institui normas gerais sobre desporto.

Lei nº 9.615/1998, institui normas gerais sobre desporto. Legislação Lei nº 9.615/1998, institui normas gerais sobre desporto. Lei nº 12.395/2011, altera a Lei Pelé e insere a CBC F, no Sistema Nacional do Desporto (art. 13 inciso VII). Decreto nº 7.984/2013,

Leia mais

RESOLUÇÃO CONSU Nº 002/2014 DE 17 DE FEVEREIRO DE 2014

RESOLUÇÃO CONSU Nº 002/2014 DE 17 DE FEVEREIRO DE 2014 Governo do Estado do Rio de Janeiro Secretaria de Estado de Ciência e Tecnologia Fundação Centro Universitário Estadual da Zona Oeste RESOLUÇÃO CONSU Nº 002/2014 DE 17 DE FEVEREIRO DE 2014 REFERENDOU A

Leia mais

LEI Nº 6.855, DE 18 DE NOVEMBRO DE 1980

LEI Nº 6.855, DE 18 DE NOVEMBRO DE 1980 LEI Nº 6.855, DE 18 DE NOVEMBRO DE 1980 Alterada em seu Art. 30 pela Lei nº 7.059, de 06 de dezembro de 1982 Cria a Fundação Habitacional do Exército e dá outras providências. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA,

Leia mais

PROJETO DE LEI N 022/2017.

PROJETO DE LEI N 022/2017. PROJETO DE LEI N 022/2017. Dispõe sobre a criação do Conselho Municipal de Turismo COMTUR e do Fundo Municipal de Turismo - FUMTUR, e dá outras providências. Art. 1º. Fica criado o Conselho Municipal de

Leia mais

Seguridade e Previdência

Seguridade e Previdência CEM CADERNO DE EXERCÍCIOS MASTER Direito Previdenciário Juiz Federal - 5ª fase Seguridade e Previdência Período 2010-2016 1) FCC Analista Judiciário TRF 4ª Região (2014) Alfredo, Ministro de Estado e Álvaro,

Leia mais

MINUTA. PROJETO DE LEI Nº, DE DE DE 2013 (Autor do Projeto: Governador do Distrito Federal)

MINUTA. PROJETO DE LEI Nº, DE DE DE 2013 (Autor do Projeto: Governador do Distrito Federal) MINUTA PROJETO DE LEI Nº, DE DE DE 2013 (Autor do Projeto: Governador do Distrito Federal) Altera a Lei de criação da Fundação de Ensino e Pesquisa em Ciências da Saúde e dá outras providências. A CÂMARA

Leia mais