Biologia 2. Aula 1. Bioquímica - Citologia - Histologia. A escolha de quem pensa! 1

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Biologia 2. Aula 1. Bioquímica - Citologia - Histologia. A escolha de quem pensa! 1"

Transcrição

1 Biologia 2 Aula 1 Bioquímica - Citologia - Histologia 01. O CORPO ENSINA A COMBATER O CÂNCER O corpo humano tem suas defesas, que formam o sistema imunológico. Esse sistema, constituído por diversas células e moléculas que trabalham monitorando constantemente todo o organismo, é ativado por sinais(ou informações) como a morte ou a infecção de células, e a lesão ou a alteração de tecidos. A consequência é a geração de respostas imunes, cujos objetivos principais são eliminar os agentes causadores dessas alterações e reparar as áreas danificadas. O câncer é o resultado de modificações genéticas produzidas em células. Mas, afinal, o organismo pode ou não se defender do câncer? Na verdade, ele faz isso constantemente. Alterações genéticas com potencial para gerar tumores ocorrem diariamente em nossas células, como é mostrado na figura. E o organismo é capaz de detectar essas transformações. o portão fechado, o Na + acumula-se do lado de fora da célula, o que aumenta a pressão osmótica externa, compensando a grande concentração de soluto orgânico no citoplasma. Isso evita a entrada excessiva de água por osmose. a) Que estrutura celular torna menos importante essa função de equilíbrio osmótico do Na + nas células vegetais? Justifique sua resposta. b) Entre as duas proteínas descritas, qual delas permite o movimento do Na + a favor do seu gradiente de concentração? Justifique. 03. Há um cuidado que deve ser tomado quando se compra um alimento enlatado. Devemos observar não só a data de fabricação e o prazo de vencimento do produto, mas também o aspecto da lata que não deve se apresentar estufada, pode ter-se desenvolvido, dentre outras bactérias, a produtora do botulismo, uma doença frequentemente fatal. a) Que tipo de respiração essa bactéria mantêm no interior da lata fechada? b) No caso do produto contaminado, o que causou a pressão no interior da lata, estufando a tampa? c) Quem é o causador do botulismo? Qual sua forma de transmissão? 04. Com base nos textos e em seus conhecimentos sobre imunidade, faça o que se pede. a) Justifique por que os linfócitos são considerados as unidades móveis do sistema imunológico. b) O sistema imunitário apresenta as propriedades de especificidade e de memória. Identifique o modo como essas propriedades auxiliam na imunidade. c) No câncer, observa-se o desencadeamento de um tipo de imunidade celular representado pelo número aumentado dos linfócitos T. Indique os tipos de linfócitos T utilizados pelo organismo afetado por essa enfermidade. 02. Na membrana citoplasmática existe uma proteína que faz o transporte ativo (com gasto de ATP) de Na + para fora da célula. Outro tipo de proteína da membrana funciona como uma espécie de portão que pode abrir ou fechar, permitindo ou não a passagem do Na +. Com O arroz dourado geneticamente modificado para produzir betacaroteno, um nutriente vital foi produzido por pesquisadores suíços e alemães, com o objetivo de melhorar a qualidade nutricional desse cereal, que é a base alimentar da maioria dos habitantes da Ásia. Para produzi-lo, foram introduzidos, no genoma do arroz, genes provenientes de narcisos e da bactéria Erwinia uredovora. Revista Seleções, abril de [adapt.] Através da observação da figura que mostra, de forma simplificada, as etapas do desenvolvimento do arroz dourado e dos conhecimentos que você detém, faça o que se pede. a) O que é o plasmídeo indicado na figura e qual sua função no processo de transformação genética do arroz? b) Qual a função da agrobactéria no processo de transformação genética do arroz? c) Por que a transferência dos genes do narciso para o arroz não foi realizada através de cruzamentos método que antecede as técnicas de engenharia genética e ainda é utilizado no melhoramento vegetal? d) Indique a vitamina originada do betacaroteno e cite apenas um sintoma de sua carência no organismo humano. A escolha de quem pensa! 1

2 05. O colágeno é uma importante proteína componente da matriz extracelular dos organismos animais. É encontrado em abundância nos tecidos conjuntivos. Fibroblastos, as principais células produtoras de colágeno, foram cultivados por algum tempo em um meio de cultura contendo aminoácidos radioativos, o que permite localizá-los depois, com o uso de técnicas especiais, em imagens de microscopia eletrônica. Ao observar as imagens dos fibroblastos, pode-se constatar a presença dos aminoácidos radioativos dentro de alguns compartimentos celulares e nas fibras colágenas secretadas pelas células. Acerca disso, faça o que se pede. a) Cite dois compartimentos intracelulares nos quais foram observados os aminoácidos radioativos. Justifique sua resposta. 06. Após um surto de uma doença misteriosa (início com febre, coriza, mal-estar, dores abdominais, diarréia, manchas avermelhadas espalhadas pelo corpo) que acometeu crianças com até cinco anos de idade em uma creche, os pesquisadores da UNICAMP conseguiram seqüenciar o material genético do agente causador da doença e concluíram que se tratava de um vírus. Um segmento dessa seqüência era UACCCGUUAAAG. a) Explique por que os pesquisadores concluíram que o agente infeccioso era um vírus. b) Dê duas características que expliquem por que os vírus não são considerados seres vivos. c) Sabendo-se que a seqüência mostrada acima (UACCCGUUAAAG) dará origem a uma fita de DNA, escreva a seqüência dessa fita complementar. 07. Uma mulher que apresenta tipo sanguíneo B tem um filho cujo tipo sanguíneo é O. Ela vai à justiça atribuindo a paternidade da criança a um homem cujo tipo sanguíneo é AB. Se você fosse consultado pelo juiz, qual seria seu parecer? Justifique. sistema ABO em humanos. No quadro abaixo são mostrados os genótipos possíveis e os aglutinogênios correspondentes a cada tipo sanguíneo. a) Que tipo ou tipos sanguíneos poderiam ser utilizados em transfusão de sangue para indivíduos de sangue tipo A? Justifique. b) Uma mulher com tipo sanguíneo A, casada com um homem com tipo sanguíneo B, tem um filho considerado doador de sangue universal. Qual a probabilidade de esse casal ter um(a) filho(a) com tipo sanguíneo AB? Justifique sua resposta. 10. Todos os anos, cerca de novos casos de câncer de pele surgem no Brasil. A grande maioria da população brasileira se expõe ao sol sem qualquer proteção. Dessa forma, os dermatologistas recomendam o uso de filtros solares e pouca exposição ao sol entre 10 e 16 horas, período de maior incidência dos raios ultravioleta A e B (UVA e UVB). Os raios UVB estimulam a produção de vitamina D, entre outros benefícios, mas em doses excessivas causam vermelhidão, queimaduras e o câncer de pele. a) Pessoas com pele clara são mais sujeitas a queimaduras pelo sol e ao câncer de pele que pessoas com pele mais escura. Explique por quê. b) Raios UVA, ao penetrarem na derme, podem danificar as fibras e dessa forma causar o envelhecimento precoce. Indique que fibras podem ser encontradas na derme e por que o seu dano causa o envelhecimento precoce. c) A deficiência de vitamina D pode provocar problemas de desenvolvimento em crianças. Explique por quê. 11. Analise este heredograma: 08. O atual modelo de estrutura da membrana plasmática celular é conhecido por modelo do mosaico fluido, proposto em 1972 pelos pesquisadores Singer e Nicholson. Como todo conhecimento em ciência, esse modelo foi proposto a partir de conhecimentos prévios. Um importante marco nessa construção foi o experimento descrito a seguir. Hemácias humanas, que só possuem membrana plasmática (não há membranas internas) foram lisadas (rompidas) em solução de detergente, e os lipídios foram cuidadosamente dispersos na superfície da água. Foi então medida a área ocupada por esses lipídios na superfície da água e ficou constatado que ela correspondia ao dobro do valor da superfície das hemácias. a) Que conclusão foi possível depreender desse experimento, com relação à estrutura das membranas celulares? b) Baseado em que informação foi possível chegar a essa conclusão? 09. No início do século XX, o austríaco Karl Landsteiner, misturando o sangue de indivíduos diferentes, verificou que apenas algumas combinações eram compatíveis. Descobriu, assim, a existência do chamado Com base nas informações desse heredograma, a) DETERMINE o tipo de parentesco que existe entre III.2 e III.3. b) DETERMINE a probabilidade de IV.2, ao se casar com uma pessoa heterozigota, ter criança com fibrose cística. 2 A escolha de quem pensa!

3 12. Analise esta figura: a) O salgamento dos alimentos é um recurso que evita a sua putrefação, sendo, por isso, utilizado na preservação de diversos tipos de carnes. Explique porque o sal ajuda na preservação desse alimento. b) A célula vegetal não sofre plasmoptise, ou seja, ela não se rompe ao ser colocada numa solução hipotônica. Você concorda com essa afirmativa? Justifique sua resposta. 15. O desenvolvimento de projetos que visam reduzir a progressiva emissão de gases de efeito estufa é o principal objetivo do Protocolo de Kyoto. O Brasil pode contribuir para que esse objetivo seja alcançado através da preservação das florestas nativas e da implantação de projetos de reflorestamento. a) Explique como a manutenção e/ou replantio dessas florestas pode contribuir para a redução do efeito estufa. Com base nas informações dessa figura e em outros conhecimentos sobre o assunto, faça o que se pede. 1. Uma mutação em um gene mitocondrial de trna ou de rrna pode ser prejudicial para o organismo. a) CITE o nome do processo em que atuam o trna e o rrna. b) MARQUE com um X, diretamente na figura desta questão, o local onde se realiza esse processo. 2. A fadiga é, geralmente, um dos sinais clínicos presentes nos indivíduos portadores de doenças mitocondriais. a) CITE o nome de um tecido em que esse sinal clínico se apresenta. JUSTIFIQUE sua resposta. Tecido: Justificativa: 13. Analise a figura e o heredograma: Gabarito 01. a) São considerados unidades móveis porque, a partir de sua produção pela medula óssea e pelos linfonodos (ou órgãos linfogênicos), essas células transitam no sangue, na linfa, podendo chegar aos tecidos, quando necessário (no caso de câncer, por exemplo). b) Especificidade capacidade do sistema imunológico de reconhecer e eliminar substâncias estranhas ao organismo (antígenos) através da produção de anticorpos (imunoglobulinas) específicos para aquele antígeno. Memória capacidade do sistema imunológico de reconhecer novamente um mesmo antígeno e reagir a ele, produzindo um grande número de anticorpos específicos. c) Linfócito T auxiliar ou CD4; Linfócito T citotóxico ou CD a) A parede celular de celulose. A elasticidade da celulose faz com que ela, quando distendida pela entrada de água, exerça uma pressão no sentido contrário, bombeando a água para fora pressão de turgência. Quando essa pressão iguala a pressão osmótica, a água pára de entrar. b) A proteína do portão de Na+. Como o Na+ acumula-se do lado extra-celular, a abertura desse portão permite a difusão do Na+ para o compartimento intracelular. Considerando o tipo de herança evidenciado nessa análise e usando a simbologia adequada, COMPLETE o heredograma, identificando os indivíduos afetados na segunda e na terceira gerações. CITE uma característica da transmissão da herança mendeliana que a distingue da transmissão da herança mitocondrial. 14. Todas as células são envolvidas por uma membrana plasmática que controla a entrada e a saída de substâncias. A organização estrutural e funcional da camada fosfolipídica e a presença de proteínas de transporte conferem à membrana plasmática a capacidade de ser permeável apenas a algumas substâncias. Analise e responda as questões abaixo sobre os processos de troca de substâncias entre as células e o meio externo. 03. a) Fermentação. b) A pressão no interior da lata é causada pelo gás carbônico produzido. c) O botulismo é causado pela bactéria Clostridium botulinum. A transmissão ocorre através da ingestão da toxina liberada pela bactéria, principalmente em alimentos enlatados e conservas artesanais. 04. a) Um plasmídeo é uma molécula circular de DNA presente em algumas bactérias. Sua função no processo é carregar os genes de interesse, que serão introduzidos no genoma da planta. b) A função da agrobactéria é infectar o embrião e introduzir os genes de interesse, produzindo a transformação genética. c) Não foi realizada porque o narciso e o arroz são espécies diferentes, não sendo possível realizar o seu cruzamento. d) Vitamina A. Sintomas: cegueira noturna, cegueira total, xeroftalmia (olhos secos), espessamento da córnea, lesões na pele. A escolha de quem pensa! 3

4 05. No retículo endoplasmático granular. É nessa organela,por meio dos ribossomos ali aderidos,que a proteína é formada. No aparelho de Golgi,para onde as proteínas são transportadas,após sua formação no retículo rugoso 06. a) A conclusão baseou-se no fato de que o material genético do agente causador da doença era uma molécula de RNA. b) Duas características que justificariam o fato de os vírus não serem seres vivos são: ausência de estrutura celular; inexistência de metabolismo próprio. c) A sequência da fita complementar de DNA é: ATGGGCAATTTC. 07. O acusado não pode ser o pai da criança, pois tendo sangue AB possui genótipo IAIB e não apresenta o alelo recessivo i para transmitir para a criança e, assim, ela possa ter genótipo ii (fenótipo O ). 08. A área ocupada pelos lipídios na superfície da água correspondia ao dobro do valor da superfície da membrana plasmática, uma vez que é uma camada dupla. 09. Tipo sanguíneo Genótipo Aglutinogênio A IAIA ou IAi A B IBIB ou IBi B AB IAIB A e B O ii Nenhum a) Indivíduos de sangue tipo A apresentam, em seu plasma sanguíneo, aglutininas (anticorpos) anti-b. Por essa razão, não podem receber sangue de tipos B ou AB, que apresentam o aglutinogênio B. Assim, numa transfusão, esses indivíduos só podem receber sangue de tipo A ou O. b) Por terem tido um filho de tipo O (doador universal genótipo ii), deduz-se que os genótipos do casal são: IAi e IBi. Logo, a probabilidade de esse casal ter uma criança de tipo AB (IAIB) é de ou 25% 1/2IAIB. 10. a) A melanina é um pigmento que determina a coloração da pele e tem ação protetora ao absorver parte das radiações UV. Assim, pessoas com pele mais clara têm menor quantidade de melanina e estão mais sujeitas à ação prejudicial da radiação UV. b) O tecido conjuntivo da derme possui fibras elásticas e colágenas. A radiação UV danifica ambas as fibras, causando uma alteração na elasticidade e na resistência da pele e propiciando o surgimento de rugas e outras modificações mais precocemente. c) A vitamina D é necessária à absorção de cálcio pelo organismo. Na sua deficiência, ocorre a diminuição de absorção de cálcio, o que causa o raquitismo, doença carencial caracterizada pela alteração no crescimento, associada a deformidades e à facilidade de ocorrência de fraturas ósseas. 11. a) São primos. b) A probabilidade é: 2/3 x ¼ = 1/ a) Tradução b) Marcar X no citoplasma. 2. Tecido: Tecido muscular estriado esquelético Justificativa: Por necessitar de muita energia, esse tecido possui grande número de mitocôndrias. 13. Na herança mendeliana, ambos os genitores contribuem, igualmente, com genes para a prole, enquanto na herança mitocondrial os genes são transmitidos exclusivamente pela mãe. 14. a) Com o salgamento, o alimento torna-se hipertônico em relação aos microrganismos (que causam a putrefação) que, então, perdem água para o alimento e morrem. b) Sim, pois, a célula vegetal é revestida pela parede celular, resistente, que impede sua ruptura. 15. As árvores promovem a fixação do CO 2 atmosférico durante o processo fotossintético, reduzindo a concentração de tal gás na atmosfera, um dos responsáveis pelo efeito estufa. Aula 2 Metabolismo Energético - Embriologia 01. Em comemoração aos cinco séculos do descobrimento do País, em 21 de setembro de 2000 foi inaugurado no Horto Florestal da cidade de São Paulo o Arboreto 500 anos. No local foram plantadas 500 mudas de 24 espécies de árvores nativas do Brasil. Em 2008, aos 8 anos, a área possuía exemplares com altura de até 26 metros, como o mutambo e o ingá. Nesse ano, os organizadores do Arboreto 500 anos resolveram calcular o sequestro de CO 2 pelas árvores plantadas. Para isso, calcularam o volume dos troncos, ramos, raízes e densidade da madeira das árvores do local. Estimaram que, em oito anos, o Arboreto absorveu 60 toneladas de CO 2. Contudo, os pesquisadores acreditam que este número esteja subestimado, pois, ao longo dos oito anos de crescimento das árvores, o total de carbono sequestrado teria sido maior que aquele presente quando do cálculo do volume dos troncos, ramos e raízes. Outro importante fator deveria ter sido considerado. Que processo fisiológico permitiu às árvores o acúmulo de 60 toneladas de carbono e que fator deveria ter sido considerado no cômputo do total de carbono sequestrado pelas árvores do Arboreto ao longo dos oito anos? Justifique suas respostas. 02. Um estudante de biologia tem em seu quintal um lindo pé de malva-rosa (Hibiscus mutabilis), planta cujas flores apresentam pétalas que são brancas pela manhã, quando a flor se abre, e vão se tornando de um corde-rosa intenso conforme o dia vai passando. Em um mesmo pé de malva-rosa, pode-se apreciar flores com cores de diferentes tons: desde as totalmente brancas, que acabaram de se abrir, até as totalmente rosas, abertas há várias horas. O estudante tem uma hipótese para explicar o fenômeno: ao longo do dia a radiação solar induz mutações genéticas nas células das pétalas, que as levam à alteração da cor; se flores já totalmente cor-de-rosa forem polinizadas com pólen de flores da mesma cor, ou seja, se a polinização ocorrer depois da ocorrência das mutações, as sementes resultantes darão origem a plantas que produzirão apenas flores cor-de-rosa. A explicação do estudante para a mudança da cor da pétala de malva-rosa e sua explicação para a transmissão hereditária dessa característica estão corretas? Justifique. 4 A escolha de quem pensa!

5 03. Tadeu adora iogurte natural, mas considerando o preço do produto industrializado, vendido em copos plásticos no supermercado, resolveu construir uma iogurteira artesanal e produzir seu próprio produto. Para isso, adaptou um pequeno aquário sem uso, no qual havia um aquecedor com termostato para regular a temperatura da água. Nesse aquário, agora limpo e com água em nível e temperatura adequados, colocou vários copos nos quais havia leite fresco misturado à uma colherinha do iogurte industrializado. Passadas algumas horas, obteve, a partir de um único copo de iogurte de supermercado, vários copos de um iogurte fresquinho. Explique o processo biológico que permite ao leite se transformar em iogurte e explique por que Tadeu precisou usar uma colherinha de iogurte já pronto e um aquecedor com termostato na produção do iogurte caseiro. 04. Atualmente, o Brasil está na corrida pela segunda geração do etanol, o álcool combustível, produzido a partir da cana-de-açúcar, tanto do caldo, rico em sacarose, quanto do bagaço, rico em celulose. O processo para a produção do etanol é denominado fermentação alcoólica. a) Qual dos dois substratos, caldo ou bagaço da cana, possibilita produção mais rápida de álcool? Por quê? 05. Observe a figura. A figura sugere que as árvores, e por implicação a floresta amazônica, representam o pulmão do mundo e seriam responsáveis pela maior parte do oxigênio que respiramos. No que se refere à troca de gases com a atmosfera, podemos dizer que as árvores têm função análoga à do pulmão dos vertebrados e são produtoras da maior parte do oxigênio que respiramos? Justifique sua resposta. 06. A glicólise, representada na figura abaixo, é uma seqüência de reações metabólicas que envolvem o consumo de glicose para a produção de ATP, a principal forma de energia química utilizada pelas células. Em condições anaeróbicas, pode ocorrer a formação de álcool etílico, conseqüência do processo de fermentação. a) Explique por que, apesar de ser necessário um aporte constante de glicose, apenas uma pequena quantidade de nicotinamida adenina dinucleotídeo (NAD) é suficiente para manter o processo funcionando, gerando ATP para o organismo. 07. Imagine ser possível, experimentalmente, a extração de todas as mitocôndrias de uma célula eucariótica. Se, na presença de oxigênio, ainda for possível observar o processo da respiração celular, quais os efeitos da extração para tal processo? Ocorreria formação de quantos ATPs? 08. A realização dos jogos pan-americanos no Brasil, em julho de 2007, estimulou muitos jovens e adultos à prática de atividades físicas. Contudo, o exercício físico não orientado pode trazer prejuízos e desconforto ao organismo, tais como as dores musculares que aparecem quando de exercícios intensos. Uma das possíveis causas dessa dor muscular é a produção e o acúmulo de ácido láctico nos tecidos musculares do atleta. Por que se forma ácido láctico durante os exercícios e que cuidados um atleta amador poderia tomar para evitar a produção excessiva e acúmulo desse ácido em seu tecido muscular? 09. Na produção de cerveja, são usadas principalmente duas linhagens de leveduras: I. Saccharomyces cerevisae, que apresenta altos índices de formação de gás carbônico; II. Saccharomyces carlsbergensis, que possui índices mais baixos de formação desse gás. Em geral, as cervejas inglesas contêm maior teor alcoólico que as cervejas brasileiras e cada uma delas usa uma linhagem diferente de levedura. a) Qual linhagem de levedura é usada para produzir a cerveja brasileira? Justifique sua resposta. b) Um estudante argumentou que, para aumentar a quantidade de gás carbônico produzido, bastaria aumentar a quantidade de leveduras respirando no meio de cultura. O argumento é válido ou não? Por quê? 10. O Saccharomyces é fermento biológico, usado pelas donas de casa na produção de pão. Normalmente, após manusear a massa, e tendo feito os pães, antes de assálos, ela pega um pedaço da massa e faz uma bolinha que é colocada num copo com água. Quando a bolinha sobe, ela coloca os pães para assar. Considere a figura a seguir que representa a célula do Saccharomyces e algumas regiões indicadas por números. A escolha de quem pensa! 5

6 Observe o esquema e responda: a) Que estrutura se originará da porção embrionária apontada pela seta I? b) Qual estrutura vai substituir, na maioria dos cordados adultos, a indicada pela seta II? c) Quais as fases da embriogênese que antecedem a fase da nêurula? a) Considerando o Saccharomyces que se encontra no interior da massa, escreva a reação responsável pela diminuição da densidade da bolinha e indique a região numerada onde ela ocorre. b) Sendo o Saccharomyces um organismo anaeróbico facultativo, qual deles consome mais glicose: os que estão no interior da massa ou os que ficam na superfície? Explique. 11. Observe as figuras apresentadas no desenho a seguir, identifique corretamente as fases e responda: 13. O uso das células-tronco embrionárias tem levantado muitas discussões. As células embrionárias, geradas nos primeiros dias após a fecundação do ovócito pelo espermatozoide, não estão diferenciadas e podem transformar-se em qualquer célula do organismo. A célula-tronco prototípica é o zigoto. (Isto É, 20 out. 2004, adaptado). a) Após a formação do zigoto, quais são as etapas do desenvolvimento até a formação da notocorda e tubo nervoso nos embriões? b) Em que fases do desenvolvimento embrionário surgem os primeiros folhetos embrionários? c) O desenvolvimento embrionário é uma das formas de dividir os filos em dois grandes grupos. Diferencie organismos protostômios de deuterostômios e indique em qual desses grupos os humanos estão inclusos. 14. Os cloroplastos possuem pigmentos fotossintéticos responsáveis pela captação de luz em diferentes comprimentos de onda. A seguir estão representadas as curvas de absorção de cada pigmento nos diferentes comprimentos de onda. a) Que tipo de ovo e segmentação está representado nos desenhos de 1 a 8. b) Que etapa do desenvolvimento embrionário está representado no desenho da figura 9? c) Que etapa do desenvolvimento embrionário está representada no figura 10? 12. A figura representa o esquema de um corte transversal de um embrião de cordado na fase de nêurula. PURVES, W. K.; SADAVA, D.; ORIANS, G.H.; Heller, H.C. (2002). Admita a existência de duas espécies de vegetais (A e B) que vivem no oceano; a primeira, próxima à superfície, com grande disponibilidade de luz; e a segunda, em águas profundas, onde a oferta de luz é menor e de cor azul-esverdeada. Considere, também, que uma das espécies possua os pigmentos clorofila e ficoeritrina, e a outra, apenas clorofilas. a) Qual a faixa de radiação mais eficiente para a realização da fotossíntese nos vegetais em geral? b) Qual a faixa de radiação menos eficiente? c) A partir da análise do gráfico, diga qual das duas (A ou B) deve possuir o pigmento ficoeritrina. Justifique sua resposta. 6 A escolha de quem pensa!

7 15. As curvas ao lado representam as velocidades de dois processos biológicos, A e B, que utilizam gases atmosféricos. Quais são esses processos? Justifique. as árvores, por sua vez, como resultado de sua atividade ao longo do dia inteiro (fotossíntese e respiração), liberam oxigênio e consomem gás carbônico. A afirmação de que as árvores da floresta amazônica são produtoras da maior parte do oxigênio que respiramos não é correta. Isso se deve ao fato de a floresta ser um bioma no estágio clímax, em que o total de oxigênio produzido pelas plantas é consumido pela própria comunidade, não havendo um superávit a ser lançado na atmosfera. Na verdade, o fitoplâncton é o grande responsável pela maior parte de oxigênio disponível na atmosfera. 06. Porque o NAD é uma co-enzima que é completamente reciclada após liberar os hidrogênios captados ao longo do processo Gabarito 01. O processo fisiológico que permitiu às árvores a absorção de 60 toneladas de gás carbônico (CO 2 ) ao longo desses oito anos foi a fotossíntese. O principal fator que deveria ter sido considerado no cômputo do total de carbono sequestrado pelas árvores é a respiração celular. Devemos considerar, ainda, que ao longo desse período houve a produção de flores, frutos e sementes, somada à queda de ramos e folhas, que certamente também eram dotados da matéria orgânica produzida pela fotossíntese. Tais estruturas foram perdidas, portanto não puderam ser consideradas. 02. Não, as explicações dadas pelo estudante não têm fundamento. Mutações são alterações no material genético ocorridas ao acaso, sem que se possa prever qual gene, em qual célula, será afetado, nem em que momento. A ideia de que a luz solar provoca mutações nas células das pétalas das flores exigiria que se aceitasse que essas mutações ocorressem no mesmo gene, em todas as células de todas as pétalas de todas as flores de uma mesma planta. Dessa forma, fica também prejudicada a explicação dada pelo estudante para o mecanismo de transmissão hereditária da cor da flor. 03. O processo biológico envolvido na produção de iogurte é a fermentação lática, realizada por certas espécies de bactérias (lactobacilos). Nesse processo, açúcares do leite são degradados pelas bactérias, que com isso obtêm energia e produzem como resíduo moléculas de ácido lático. A consequente alteração de ph provoca a desnaturação ( coagulação ) das proteínas do leite, fazendo com que se precipitem. A colherinha de iogurte pronto continha bactérias vivas capazes de se reproduzir e realizar a fermentação no leite fresco. O aquecedor, por sua vez, promoveu a temperatura ideal para que esse processo ocorresse. 04. a) O caldo de cana, que contém sacarose, possibilita a produção mais rápida de álcool. Isso porque moléculas de sacarose constituem substratos mais simples (dissacarídeos) que a celulose (polissacarídeo), sendo mais rapidamente hidrolisadas em monossacarídeos (frutose e glicose) que serão utilizados pelo fungo na fermentação alcoólica. 05. As árvores da mata não podem ser consideradas análogas aos pulmões de um vertebrado. Isso porque os pulmões retiram oxigênio do ar, devolvendo a ele gás carbônico; 07. O processo da respiração celular ocorre em três etapas interdependentes: glicólise (no hialoplasma), ciclo de Krebs e cadeia respiratória (estes dois no interior da mitocôndria). Há certamente um problema na formulação e redação da pergunta. Afinal, se todas as mitocôndrias forem retiradas, não haverá respiração celular como um todo. No entanto, nas condições citadas, poderá ocorrer a fermentação, processo anaeróbio, que resulta na produção líquida de 2 moléculas de ATP por molécula de glicose consumida. 08. Pelo aporte insuficiente de oxigênio às células musculares, parte da glicose é fermentada, gerando ácido láctico. Os cuidados a serem tomados pelo atleta amador se dividem em duas categorias. Em termos imediatos, deve dar preferência a exercícios aeróbicos leves (caminhar, nadar, etc.), precedidos de aquecimento e alongamento muscular. No longo prazo, um condicionamento físico correto levará a uma maior capacidade cardiovascular e pulmonar, aumentando o fluxo de oxigênio às células musculares durante o esforço. 09. a) O processo utilizado na produção de cerveja é a fermentação alcoólica, cuja equação é: C 6 H 12 O 6 2CO 2 + 2C 2 H 5 OH O enunciado afirma que o Saccharomyces cerevisiae é mais ativo do que a outra linhagem na produção de gás carbônico; portanto ele deve também produzir maiores índices de álcool. Tendo a cerveja brasileira menor teor alcoólico do que a inglesa, infere-se que, na sua produção, é utilizado o Saccharomyces carlsbergensis. b) O argumento é válido. As leveduras, quando em presença de oxigênio, podem respirar aerobicamente, segundo a equação: C 6 H 12 O 6 + 6O 2 6CO 2 + 6H 2 O, gerando, portanto, maior quantidade de gás carbônico por molécula de glicose utilizada do que na fermentação. Observação: Bastaria, para se obter esse efeito, aerar a mistura, fazendo com que maior número de leveduras respirasse, em vez de fermentar. Note-se, no entanto, que a produção de álcool seria prejudicada. 10. a) Glicose 2 etanol + 2 gás carbônico + energia (C 6 H 12 O 6 ) (2C 2 H 5 OH) (2CO 2 ) (2 ATP) Essa reação ocorre na região I, que é o hialoplasma. b) Consomem mais glicose as células de Saccharomyces que estão no interior da massa. Por estarem com menor disponibilidade de oxigênio, realizam a fermentação, processo que fornece menos energia do que a respiração celular; portanto utilizam mais glicose para obter a energia de que necessitam. A escolha de quem pensa! 7

8 11. a) Está representado o ovo oligolécito, com segmentação holoblástica igual. b) A figura 9 representa a fase de gastrulação. c) 10 representa a neurulação. 12. a) A seta I indica o tubo neural, o qual vai originar o sistema nervoso central do indivíduo (formado por encéfalo e medula). b) A seta II indica a notocorda que, na maioria dos cordadoss, será substituída pela coluna vertebral. c) As fases que antecedem à fase de nêurula são segmentação (mórula e blástula) e gastrulação. 13. a) As fases são mórula-blástula-gástrula-nêurula. Na fase nêurula formam-se a notocorda e o tubo neural. b) Os primeiros folhetos embrionários, ectoderme e endoderme, surgem na fase de gástrula. c) No desenvolvimento embrionário dos protostômios o blastóporo origina a boca. No desenvolvimento embrionário dos deuterostômios o blastóporo origina o ânus. Os humanos são deuterostomados. 14. a) Radiação do vermelho e azul. b) Radiação do verde. c) A espécie B, pois o pigmento ficoeritrina absorve melhor a luz azul-esverdeada que penetra em águas profundas 15. A representa a velocidade da fotossíntese, que aumenta a medida que a intensidade de luz aumenta, até se atingir o ponto de saturação luminoso; a partir daí, a velocidade da fotossíntese mantém-se praticamente constante. B representa a velocidade da respiração, que não se altera em função da luz. AULA 03 Citologia - Divisões Celulares - Embriologia Genética - Evolução 01. SINAIS VINDOS DO NÚCLEO Em sua edição de fevereiro de 1997, a revista The Journal of Cell Biology revelava a descoberta, por cientistas britânicos, de uma rede de canais situada no núcleo da célula. Embora a morfologia dessa rede tenha sido minuciosamente descrita, sua função foi elucidada há pouco. Caracterizada por invaginações tubulares circundadas por membranas que se ligam ao envoltório nuclear, a organela é responsável pela regulação de sinais de cálcio, que têm influência decisiva na transcrição gênica e no crescimento celular. Ao descrever a função de tal rede, a equipe encarregada chamou-a de retículo nucleoplasmático, em virtude de sua semelhança estrutural e funcional com o retículo endoplasmático situado no citoplasma celular. Praticamente todas as células estudadas, especialmente as do fígado e as do coração, apresentam essa estrutura nuclear. Com base no texto e em seus conhecimentos sobre as células eucariontes animais, faça o que se pede. a) Além do retículo nucleoplasmático a mais nova organela nuclear descoberta, que outras estruturas compõem o núcleo dessas células? Descreva a função de 2 (duas) delas. b) Com relação à organela citoplasmática que se assemelha àquela descoberta no núcleo, indique como ela pode apresentar-se e quais as suas respectivas funções. 02. Um cientista analisou a sequência de bases nitrogenadas do DNA de uma bactéria e verificou que era formada pelos códons AGA-CAA-AAA-CCG-AAT. Verificou também que a sequência de aminoácidos no polipeptídio correspondente era serina-valina-fenilalanina-glicinaleucina. Ao analisar o mesmo segmento de DNA de outra bactéria da mesma colônia, verificou que a seqüência de bases era AGA-CAA-AAG-CCG-AAT, porém não verificou qualquer alteração na composição de aminoácidos da cadeia polipeptídica. Como você explica o fato de bactérias de uma mesma colônia apresentarem, para o mesmo segmento de DNA, diferentes seqüências de bases e o fato dessas bactérias apresentarem a mesma composição de aminoácidos na cadeia polipeptídica correspondente? 03. A proibição do aborto não decorre da concepção religiosa de que a vida deve ser protegida porque provém de Deus, mas da constatação científica de que o feto é individualidade diferente da mãe que o gera, porque tem DNA próprio, não se confundindo com o do pai ou o da mãe. (Folha de S.Paulo, ) Que argumento pode ser usado para justificar que o feto tem DNA próprio, que não é igual ao do pai ou ao da mãe? 04. As fases do desenvolvimento embrionário do anfioxo estão representadas nas figuras seguintes. 8 A escolha de quem pensa!

9 a) Identifique as fases. b) Descreva as diferenças de cada uma delas em relação à fase anterior. 05. As infecções hospitalares são frequentemente causadas por bactérias que passaram por um processo de seleção e se mostram, com isso, muito resistentes a antibióticos. A situação é agravada pelo fato de as bactérias apresentarem um crescimento populacional bastante rápido. a) Como a resistência a antibióticos se origina em bactérias de uma colônia que é sensível a eles? b) Explique de que maneira as características reprodutivas das bactérias contribuem para seu rápido crescimento populacional. a) Quais tipos de microrganismos estão representados pelas letras X e Z, respectivamente? b) O microrganismo X pode parasitar e destruir o microrganismo Z. Explique como isso pode ocorrer. 09. A figura abaixo representa as relações evolutivas entre os grupos de seres vivos. 06. Louise Brown nasceu em julho de 1978, em Londres, e foi o primeiro bebê de proveta, por fecundação artificial in vitro. A ovelha Dolly nasceu em 5 de julho de 1996, na Escócia, e foi o primeiro mamífero clonado a partir do núcleo da célula de uma ovelha doadora. 07. a) Qual a probabilidade de Louise ter o genoma mitocondrial do pai? Explique. b) O genoma nuclear do pai da ovelha doadora fará parte do genoma nuclear de Dolly? Explique. Na charge acima, pode-se observar dois momentos distintos: uma primeiro, em que a enfermeira orienta Libório sobre o risco de uma transfusão sanguínea e um segundo, em que um personagem estranho associa Libório a um mamífero ruminante, capaz de doar-lhe sangue. Respeitando o humorismo proposto pelo autor, pode-se explicar os erros e acertos da charge, com conhecimentos de Biologia. a) Por que, nas transfusões sanguíneas, é imprescindível determinar-se os grupos sanguíneos do doador e do receptor, como afirmou a enfermeira? b) Que reações podem ocorrer no organismo do receptor, se essa precaução não for levada a sério? c) Na última imagem da charge, embora seja demonstrada uma situação cômica, sob o aspecto biológico, é sugerida uma situação impossível. Justifique essa afirmativa. d) Considerando o fator Rh, se for transfundido sangue Rh positivo (+) em um paciente Rh negativo ( ), o que pode ocorrer no organismo do receptor? 08. Os desenhos representam microrganismos que apresentam características específicas e conseguem se reproduzir de modo peculiar. Analise-os e, em seguida, responda. AMABIS, José Mariano; MARTHO, Gilberto Rodrigues. Biologia. V ed. São Paulo: Moderna, p. 39. Com base na análise da figura, responda ao que se pede: a) A endossimbiose foi um processo importante na história de vida dos organismos eucarióticos multicelulares. Explique a teoria da endossimbiose. b) Qual a diferença exclusiva é ressaltada ao se comparar cloroplastos e mitocôndrias com as demais organelas citoplasmáticas na evolução dos organismos? A escolha de quem pensa! 9

10 10. A figura abaixo mostra um corte histológico de um tecido vegetal em que estão assinaladas células em diferentes momentos do ciclo celular. a) Em algumas das células mostradas na figura é esperado encontrar atividades de síntese de RNA mensageiro. Em qual das células, numeradas de 1 a 3, deve ocorrer maior atividade de síntese desse ácido nucléico? Justifique indicando a característica da célula que permitiu a identificação. b) O que faz com que, em mitose, ocorra a separação das cromátides-irmãs de forma equitativa para os pólos das células? Indique em qual das células numeradas na figura está ocorrendo essa separação. 11. Analise o texto a seguir, extraído da revista Newsweek: Cientistas da Inglaterra e dos Estados Unidos fazem um alerta contra o uso exagerado de antibióticos. De tanto serem bombardeadas com penicilinas e inúmeros tipos de antibióticos, as bactérias resistentes prevalecerão sobre as normais e, portanto, estamos a caminho de um desastre médico. a) Como Darwin explicaria o aumento progressivo, entre as bactérias, de formas resistentes a antibióticos? b) Segundo os princípios neodarwinistas, por que estamos a caminho de um desastre médico? 12. Observe a figura abaixo, que representa o processo infeccioso de um vírus, e responda o que se pede. a) O material genético do vírus é composto por qual ácido nucleico? b) Cite a molécula que compõe o envoltório viral. c) Considerando que o ciclo viral apresentado é semelhante ao do vírus H1N1 (influenza A), cite duas medidas para se evitar o contágio por esse tipo de vírus. d) Uma das formas mais eficientes de prevenção às doenças virais é o aumento da resistência imunológica. Qual é o método de prevenção que permite ao indivíduo ter resistência imunológica a algumas doenças causadas por vírus? 13. O daltonismo é comumente entendido como a incapacidade de enxergar as cores verde e/ou vermelha. A percepção de cores é devida à presença de diferentes tipos do pigmento retinol nos cones da retina. Nos indivíduos daltônicos, alguns desses pigmentos não estão presentes, alterando a percepção das cores. Os genes que participam da síntese desses pigmentos localizam-se no cromossomo X. O daltonismo é um caráter recessivo. Um homem daltônico casou-se com uma mulher de visão normal em cuja família não havia relatos de casos de daltonismo. Este casal teve dois filhos: João e Maria. a) Qual a probabilidade de João ter herdado do pai o gene para daltonismo? Qual a probabilidade de Maria ter herdado do pai o gene para daltonismo? b) Por que é mais freqüente encontrarmos homens daltônicos que mulheres daltônicas? 14. Em famílias constituídas a partir da união de primos em primeiro grau, é mais alta a ocorrência de distúrbios genéticos, em comparação com famílias formadas por casais que não têm consanguinidade. a) A que se deve essa maior ocorrência de distúrbios genéticos em uniões consanguíneas? b) A fenilcetonúria (FCU) é um distúrbio genético que se deve a uma mutação no gene que expressa a enzima responsável pelo metabolismo do aminoácido fenilalanina. Na ausência da enzima, a fenilalanina se acumula no organismo e pode afetar o desenvolvimento neurológico da criança. Esse distúrbio é facilmente detectado no recémnascido pelo exame do pezinho. No caso de ser constatada a doença, a alimentação dessa criança deve ser controlada. Que tipos de alimento devem ser evitados: os ricos em carboidratos, lipídeos ou proteínas? Justifique. 15. A alimentação rica em gordura, o sedentarismo e o consumo de cigarro são hábitos presentes na sociedade atual, sendo responsáveis, em parte, pela hipertensão arterial, que, por sua vez, favorece o acúmulo de placas de gordura na parede interna das artérias, causando a aterosclerose. a) O que ocorre com o fluxo sanguíneo nas artérias em que há acúmulo de placas de gordura? Justifique. b) Em situação normal, quando o sangue bombeado pelo coração passa pelas artérias, esses vasos sofrem alterações estruturais, que permitem sua adaptação ao aumento de pressão. Explique como as artérias se alteram para se adaptar a esse aumento da pressão arterial. Que componente da parede da artéria permite essa adaptação? 10 A escolha de quem pensa!

11 01. a) Podem ser citados: Gabarito o nucléolo local de produção e armazenamento temporário dos ribossomos e de síntese de RNA; a carioteca, que separa o material nuclear do citoplasma e apresenta poros; o nucleoplasma ou cariolinfa fluido onde está mergulhada a cromatina; a cromatina, que é um conjunto de filamentos de DNA, característicos do núcleo celular durante a intérfase; os cromossomos, que só são visíveis durante a divisão celular, quando os filamentos interfásicos sofrem condensação. São formados por DNA. b) Pode apresentar-se com o aspecto liso ou rugoso, ou seja: retículo endoplasmático liso ou agranular relacionado com o transporte de substâncias em geral, a detoxificação e a síntese de certos lipídios; retículo endoplasmático rugoso relacionado com a síntese e o transporte de proteínas, já que apresenta ribossomos aderidos às suas membranas, externamente. 02. Numa colônia de bactérias, ocorrem divisões celulares nas quais, acidentalmente, pode ocorrer um erro na duplicação do DNA (mutação). Isso explicaria a diferença na seqüência de bases no DNA das duas bactérias. Por outro lado, diferentes códons sequências de três bases podem codificar para um mesmo aminoácido; fala-se, nesse caso, em código degenerado. Isso explica por que as bactérias, embora com este códon alterado, continuam sintetizando a mesma cadeia polipeptídica. 03. O DNA do feto representa uma nova combinação genômica, originada por metade da quantidade do DNA paterno com quantidade equivalente de DNA materno. 04. a) A: zigoto; B: mórula; C: blástula; D: gástrula; E: nêurula. b) O zigoto é resultado da fecundação do gameta masculino com o feminino. É uma estrutura unicelular e diplóide. A fase de mórula é formada por um aglomerado maciço de blastômeros, resultantes de mitoses que ocorrem com a célula-ovo ou zigoto. A mórula é pluricelular e sem cavidade interna. A fase de blástula é originada da mórula. Apresenta uma camada de células externas denominada blastoderme e uma cavidade central, a blastocele. A fase de gástrula resulta da invaginação da blástula. Aparecem os dois primeiros folhetos embrionários: ectoderme e endoderme, uma cavidade denominada de arquêntero e um orifício, o blastóporo. A fase de nêurula caracteriza-se pelo aparecimento dos três folhetos embrionários: ectoderme, endoderme e mesoderme. Surgem também a notocorda e o tubo neural. 05. a) Considerando-se que a colônia é sensível a antibióticos, a resistência se origina por mutações espontâneas. b) O crescimento populacional bacteriano é possibilitado pela multiplicação assexuada desses seres por divisão binária (por meio da ocorrência de amitose), processo extremamente simples e rápido, que depende apenas da duplicação do material genético e da bipartição celular. 06. a) A probabilidade é zero. Isso porque, na fecundação, apenas o núcleo do espermatozóide penetra no citoplasma do ovócito, não havendo, portanto, o ingresso das mitocôndrias paternas. b) Sim. Metade dos cromossomos de uma célula somática, como a utilizada na clonagem da ovelha Dolly, é proveniente do pai. 07. a) Para evitar reações de incompatibilidade, porque indivíduos diferentes possuem propriedades antigênicas e imunes também diferentes. b) Os anticorpos presentes no plasma (aglutininas) reagem com os antígenos (aglutinogênios) presentes na superfície das hemácias, provocando a sua aglutinação. c) É impossível realizar transfusão sangüínea entre espécies diferentes. d) Desenvolvimento lento de aglutininas anti-rh, que sensibilizarão o indivíduo Rh negativo no caso de uma futura transfusão com sangue Rh positivo. 08. a) Em X, é representado um vírus (bacteriófago); em Z, uma bactéria. b) O bacteriófago, ao fixar-se na parede bacteriana, injeta seu material genético, que se multiplica e termina formando novas unidades virais; ocorre a destruição (lise) da célula bacteriana, e novos vírus são liberados no meio. 09. a) A teoria da endossimbiose propõe que as organelas que compõem as células eucarióticas tenham surgido como consequência de uma associação simbiótica estável entre organismos. Os cloroplastos e as mitocôndrias dos organismos eucariontes têm origem num procarionte procariótico, provavelmente um ancestral das cianobactérias atuais que viveram em simbiose dentro de um organismo, também unicelular, mas provavelmente de dimensões maiores, obtendo proteção e fornecendo energia pela fotossíntese. b) As mitocôndrias e cloroplastos possuem DNA diferente do que o existente em nível de núcleo celular; são organelas com duas ou mais membranas, sendo que a interna tem diferenças na composição em relação às outras membranas celulares. 10. a) Na célula 3. A célula está em interfase, fase em que há grande atividade metabólica, com a maior parte da síntese de RNA mensageiro. Essa fase é reconhecida por um núcleo evidente, sem cromossomos visíveis e com nucléolo presente. b) Cada cromossomo mitótico é constituído por duas cromátides unidas pelo centrômero. Cada cromátide se prende a uma fibra do fuso e é movida em direção a um dos pólos da célula quando essa fibra encurta. A célula em que esse fenômeno é visível é a de número a) Darwin diria que os antibióticos agiram como fatores de seleção e selecionaram as bactérias resistentes. b) Estamos a caminho de um desastre médico devido às mutações, alterações estáveis de material genético. A resistência bacteriana ocorre devido às mutações; é um fator genético, que passa de uma bactéria para as suas descendentes. O uso contínuo de antibióticos pode fazer com que linhagens de bactérias sejam resistentes a vários antibióticos simultaneamente. 12. a) Ácido ribonucleico (RNA). b) Proteínas. c) - Manter as mãos sempre limpas; - uso de máscaras; - Evitar levar as mãos aos olhos; - Evitar locais com aglomerações de pessoas; - Evitar o contato direto com pessoas contaminadas... d) Vacinação. A escolha de quem pensa! 11

12 A probabilidade de João ter herdado do pai o gene para daltonismo é zero, porque ele recebe do pai o cromossomo Y. Para Maria é 100%, porque ela recebe o cromossomo Xd do pai que é daltônico (XdY). b) O homem, sendo homozigoto, é daltônico quando apresenta o genótipo XdY. Sendo homozigota, a mulher daltônica possui genótipo XdXd. Para ter a anomalia, a mulher precisa de dois genes e o homem apenas um. 14. a) Entre os cônjuges o patrimônio genético é mais semelhante nesta situação do que entre cônjuges não aparentados, uma vez que apresentam uma ancestralidade comum. Assim, a probabilidade de ocorrência de um gene deletério e recessivo em primos de primeiro grau é elevada. Logo, nessas situações a probabilidade do referido gene ser transmitido ao descendente é maior. b) Devem ser evitados as proteínas, pois, quando digeridas liberam aminoácidos, dentre eles, o aminoácido fenilalanina que acumula no sangue do portador da fenilcetonúria e causa os problemas neurológicos característicos da doença. 15. a) O fluxo sanguíneo diminui, uma vez que as placas de gordura reduzem o calibre dos vasos sanguíneos. b) As artérias sofrem uma discreta dilatação, com o consequente aumento do calibre,o que impede a obtenção de valores de pressão muito elevados. Essa dilatação é possível graças à camada de tecido muscular liso que constitui a túnica média das artérias. Aula 4 Bioquímica - Citologia - Aberrações Cromossômicas - Divisões Celulares - Embriologia - Biotecnologia No quadrinho acima, Calvin nos chama a atenção para a grande quantidade de água presente em nosso organismo. Cite três justificativas para as altas taxas de água encontradas nas células. 02. Insetos como biofábricas de proteínas humanas Linhagens de células da mariposa Spodoptera frugiperda e baculovírus que as infectam são usados para a produção biotecnológica de proteínas nas imagens, lagarta e inseto adulto. Mariposa Spodoptera frugiperda, cujas células são infectadas com baculovírus para a produção de proteínas. O uso de microrganismos para produzir diferentes proteínas, inclusive humanas, já é uma realidade. O sistema mais simples para essa produção utiliza bactérias, mas outros sistemas vêm sendo desenvolvidos. Através de técnicas de engenharia genética, pode-se solucionar o problema dos diabéticos do tipo I, pois é possível identificar o gene humano responsável pela produção de insulina e transferi-lo para microrganismos, como bactérias, fazendo com que estes produzam a insulina humana. A insulina assim obtida é chamada de produto recombinante, como tudo o que é produzido por um organismo por meio da transferência de genes. Um dos sistemas mais promissores emprega baculovírus um tipo de vírus que só infecta insetos para produzir as proteínas humanas em células de insetos, com importantes vantagens em relação aos sistemas mais utilizados atualmente, como: a facilidade de produção da proteína de interesse, uma vez obtido o vírus recombinante; a facilidade de purificação das proteínas recombinantes; o alto nível de produção; a alta chance de obtenção de uma proteína funcionalmente ativa e o baixo risco de contaminação dos manipuladores e do ambiente. MONTOR, W. R. SOGAYAR, M. C. Insetos como biofábricas de proteínas humanas. Ciência Hoje, São Paulo, v. 33, n. 196, ago [adapt.]. Com base no texto e em seus conhecimentos, faça o que se pede. a) Onde é produzido, em condições normais, no corpo humano, o referido hormônio? b) O texto aborda um aspecto positivo do inseto Spodoptera frugiperda. Entretanto, sabe-se que esse lepidóptero é uma importante praga na cultura do milho. Nomeie a fase de crescimento desse inseto, na qual ele ocasiona os indesejáveis prejuízos ao agricultor. c) Qual a vantagem da utilização de bactérias na produção de proteínas para o interesse antrópico? d) Explicite como se dá a produção da proteína humana pelo baculovírus, nas células do inseto. 12 A escolha de quem pensa!

13 03. Uma técnica que representou um marco para os trabalhos em biologia molecular é a reação em cadeia da polimerase, sigla PCR do inglês Polymerase Chain Reaction. Ela permite a replicação de fragmentos de DNA de qualquer organismo em várias cópias, através de reações realizadas em um equipamento específico (máquina de PCR). Esta técnica simula o que ocorre na natureza a duplicação semiconservativa do DNA em uma célula, que está representada na figura. Esse processo envolve duas etapas: a separação das cadeias de DNA e a formação de outras complementares. FAVARETTO, J.A.; MERCADANTE, C. Biologia. São Paulo: Ed. Moderna, p. e RAMALHO, M.; SANTOS, J.B.; PINTO, C.B. Genética na Agropecuária. São Paulo: Ed. Globo S.A., [adapt.] Com base nos textos e em seus conhecimentos sobre a duplicação do DNA, faça o que se pede. a) Por que a duplicação do DNA é chamada de semiconservativa? b) Explique como ocorre a separação das cadeias de DNA. c) Explique como ocorre o processo de formação da cadeia complementar do DNA, que ocorre tanto na reação realizada em máquina de PCR, quanto na natureza, denominando a enzima responsável por esse processo. d) Denomine as quatro bases nitrogenadas dos nucleotídeos que são utilizadas para formar a nova cadeia de DNA e, utilizando seis pares de bases, represente a ligação entre bases que podem ocorrer em um fragmento de DNA, em seu processo de duplicação. 04. Há exatamente dez anos, em 13 de abril de 1998, nasceu Bonnie, cria de um carneiro montanhês e da ovelha Dolly, o primeiro animal clonado a partir de uma célula adulta de outro indivíduo. O nascimento de Bonnie foi celebrado pelos desenvolvedores da técnica de clonagem animal como uma prova de que Dolly era um animal saudável, fértil e capaz de ter crias saudáveis. (Folha Online, ) a) Apesar de gerar animais aparentemente férteis e saudáveis, qual a principal conseqüência para a evolução das espécies se a clonagem for realizada em larga escala? Justifique sua resposta. b) Como se denomina o conjunto de genes de um organismo? Qual a constituição química dos genes? 05. O uso das células-tronco pela medicina é um tema que tem sido intensamente debatido na sociedade brasileira. Enquanto grande parte das células de um ser humano é diferenciada, as células-tronco apresentam capacidade de se auto-replicarem e de se diferenciarem em tecidos diversos que constituem o corpo humano. As pesquisas sobre essas células abrem perspectivas para a implementação de terapia celular para tratamento de doenças e lesões, mediante a substituição de tecidos danificados, ou com funcionamento deficiente, por células saudáveis. As tecnologias que vêm sendo desenvolvidas prevêem o uso de células da própria pessoa ou de outros indivíduos. Os pesquisadores afirmam que: 1. para tratamento de doenças genéticas, não devem ser usadas células do próprio indivíduo; 2. nos demais casos, o uso de células da própria pessoa pode aumentar a chance de sucesso da terapia. Como você explica a existência dessas duas situações distintas, quando se considera a origem das células-tronco a serem usadas na terapia? 06. Em setembro de 1957, após os primeiros experimentos que culminaram na determinação da estrutura tridimensional do DNA, o cientista Francis Crick fez a seguinte declaração: É difícil resistir à conclusão de que o DNA é material genético. Se este for o caso, nosso problema é aprender como o DNA reproduz a si mesmo [...]. A ideia básica é que duas cadeias de DNA, que se encaixam como uma mão em uma luva, são separadas de alguma forma e a mão então serve como molde para uma nova luva, enquanto a luva atua como molde para uma nova mão. Consequentemente, teremos duas mãos usando luvas onde havia apenas uma. Em termos químicos, imaginávamos que os monômeros fornecidos pela célula se alinham ao longo da cadeia molde com bases complementares formando pares. SCHLENOFF, Daniel C., O Progresso de Crick. Scientific American Brasil, São Paulo, ano 6, n. 64, set p. 10. [Adaptado] Tendo como base a declaração de Crick, explique o processo de duplicação semiconservativa do DNA. 07. Em uma população qualquer de seres vivos diploides, os alelos dominantes, apenas por serem dominantes, não tendem a eliminar os alelos recessivos por ação da seleção natural. Por que motivo a seleção natural não favorece os alelos pela sua dominância? 08. O esquema abaixo representa três fases do ciclo celular de uma célula somática de um organismo diploide. (Adaptado de Hernandes Faustino de Carvalho e Shirlei Maria Recco-Pimentel, A Célula. Manole, Ed., 2007, p. 380) A escolha de quem pensa! 13

14 a) Qual é o número de cromossomos em uma célula haploide do organismo em questão? Justifique sua resposta. b) Identifique se a célula representada é de um animal ou de uma planta. Aponte duas características que permitam fazer sua identificação. Justifique. 09. Muito se tem comentado sobre o aquecimento global, e um dos assuntos mais debatidos é o aumento do aquecimento provocado por emissões de CO 2 e sua relação com o efeito estufa. Um dos métodos mais discutidos para neutralizar o CO 2 consiste na realização de cálculos específicos para saber quanto CO 2 é lançado na atmosfera por determinada atividade, e quantas árvores devem ser plantadas para absorver esse CO 2. Por outro lado, sabe-se que se, por absurdo, todo o CO 2 fosse retirado da atmosfera, as plantas desapareceriam do planeta. a) Explique como as plantas retiram CO 2 da atmosfera e por que elas desapareceriam se todo o CO 2 fosse retirado da atmosfera. b) Considerando o ciclo do carbono esquematizado na figura abaixo, identifique e explique os processos biológicos responsáveis pelo retorno do CO 2 para a atmosfera. a) Quais são os fenômenos ocorridos em I e II, respectivamente? b) Qual o nome da fase do desenvolvimento embrionário representado em III? E qual o processo de divisão celular ocorrido até a implantação observada em IV? 12. Sabemos que a embriologia é parte da biologia que estuda as transformações que se processam em um embrião em desenvolvimento. Cite os tipos de ovos que se formam após a fecundação, sua segmentação e um exemplo de ocorrência. Tipo de ovo Tipo de segmentação Exemplo de ocorrência a) b) c) d) 13. Observe o esquema a seguir, representando um blastocisto e responda: 10. A síndrome de Down, também chamada trissomia do cromossomo 21, afeta cerca de 0,2% dos recémnascidos. A síndrome é causada pela presença de um cromossomo 21 a mais nas células dos afetados, isto é, em vez de dois cromossomos 21, a pessoa tem três. A trissomia do cromossomo 21 é originada durante as anáfases I ou II da meiose. a) Quando ocorre a meiose? Cite um evento que só ocorre na meiose. b) Explique os processos que ocorrem na anáfase I e na anáfase II que levam à formação de células com três cromossomos Observe o esquema que representa parte do sistema reprodutor feminino. Momentos após a ejaculação, vários espermatozoides percorrem a mucosa do útero e dirigem-se para uma das trompas. Parte desses espermatozóides encontra o óvulo e libera enzimas que enfraquecem as barreiras que o envolvem. Um espermatozoide entra em contato com a superfície do óvulo, e as membranas celulares e os núcleos de ambos se fundem. I. Quais os nomes das estruturas indicadas, respectivamente, pelos números 1 e 2? II. Qual o destino do conjunto de células indicado pelo número 1? 14. A vida surgiu na Terra há mais de três bilhões de anos. Uma das primeiras formas de vida foram os procariotos primitivos, que eram organismos unicelulares, formados por uma membrana e protoplasma. Esses procariotos, através do tempo, foram incorporando DNA, mitocôndrias, alguns incorporaram núcleo e outros incorporaram cloroplastos, como mostra a sequência abaixo. Atualmente os seres vivos são classificados em cinco reinos; 14 A escolha de quem pensa!

15 d) O vírus, ao infectar as células do inseto, reproduz-se, multiplicando a cópia do gene humano. Os vírus filhos resultantes infectarão novas células e assim por diante; consequentemente, isto leva à obtenção de grandes quantidades da proteína de interesse. 1. Monera (bactérias e cianobactérias) 2. Protista ( algas e protozoários) 3. Fungi (fungos) 4. Animália (animais) 5. Plantae (plantas) a) As três formas da figura (procarioto, eucarioto A e eucarioto B) deram origem aos cinco reinos acima citados. Identifique os reinos originados por cada uma dessas três formas. Justifique sua resposta. b) Com base nos dados da figura, qual seria a melhor característica para separar procariotos e eucariotos? Justifique sua resposta. 15. O que divide os especialistas não é mais se o aquecimento global se abaterá sobre a natureza daqui a vinte ou trinta anos, mas como se pode escapar da armadilha que criamos para nós mesmos nesta esfera azul, pálida e frágil, que ocupa a terceira órbita em torno do Sol - a única, em todo o sistema, que fornece luz e calor nas proporções corretas para a manutenção da vida baseada no carbono, ou seja, nós, os bichos e as plantas. (Veja ) Na expressão vida baseada no carbono, ou seja, nós, os bichos e as plantas estamos contemplados dois reinos: Animalia (nós e os bichos) e Plantae (plantas). Que outros reinos agrupam organismos com vida baseada no carbono? Que organismos fazem parte desses reinos? Gabarito 01. Solvente dos líquidos orgânicos (sangue, linfa, substâncias intracelulares e material intercelular dos tecidos). Veículo de substâncias que passam através da membrana plasmática entre o meio extracelular e o citoplasma. Participação nas reações de hidrólise. Contribuição para a estabilidade dos colóides, formando a camada de solvatação ao redor das micelas. Conservação da temperatura nos animais homeotermos. 02. a) Pâncreas. b) Larva ou lagarta. c) As bactérias, por apresentarem capacidade reprodutiva muito grande, são capazes de produzir enormes quantidades da proteína desejada, num pequeno intervalo de tempo. 03. a) Quando uma molécula de DNA se duplica, originando duas moléculas filhas, cada uma destas apresenta, em sua composição, uma cadeia de nucleotídeos original (isto é, uma fita da molécula inicial) e uma nova cadeia, recémsintetizada, complementar à fita original. b) As cadeias são separadas pelo rompimento das pontes de hidrogênio que fazem a ligação entre as bases, num processo catalisado por enzimas. c) A enzima DNA polimerase é a responsável pela inserção de novos nucleotídeos nas cadeias nascentes, respeitando a complementaridade em relação à cadeia original. d) Adenina, Timina, Citosina e Guanina. Exemplo de ligação entre pares de bases: A T C G T A G C T A C G 04. a) Ausência de um importante fator evolutivo: a variabilidade genética. A clonagem mantêm fixos os genótipos parentais, que são frequentemente alterados com a reprodução sexuada. b) O conjunto de genes constitui o genótipo. Os genes são segmentos de uma macromolécula: o DNA. 05. Em doenças genéticas, o uso não é indicado porque as células tronco têm o mesmo genoma e, portanto, o mesmo erro genético; nos demais casos, o sucesso da terapia é maior, pois não há chance de rejeirção. 06. Primeiramente, ocorre o rompimento das pontes de hidrogênio que ligam as bases nitrogenadas, separando as duas fitas da molécula de DNA. Em seguida, ocorrerá a síntese de novas fitas, a partir de nucleotídeos livres na célula, tendo como molde as fitas originais. Formam-se então duas novas moléculas de DNA iguais entre si quanto à sequência de bases; nesse caso cada molécula contém uma fita original e uma fita recém-sintetizada. 07. O alelo dominante não é aquele que ocorre com maior frequência na população, apenas é dominante por inibir o recessivo. Quando existe uma vantagem seletiva de um gene seja ele dominante ou recessivo ai sim ocorrerá o favorecimento e consequentemente o sucesso adaptativo de tal gene. 08. a) O número haploide é n = 2. A célula somática representada em anáfase mitótica apresenta conjuntos de 4 cromossomos (2n = 4) deslocando-se para os polos opostos, a fim de formar duas células filhas idênticas. Logo, uma célula haploide terá um representante de cada tipo de cromossomo, portanto n = 2. b) A célula representada é de um animal, identificada pela presença de centríolos, pela citocinese (divisão do citoplasma) por estrangulamento e pela ausência de parede celular. 09. a) O CO 2 é absorvido pelas plantas por difusão, principalmente pelos estômatos, quando abertos, e pela cutícula. O gás carbônico é utilizado no processo de fotossíntese, por meio do qual as plantas produzem alimento orgânico. Assim, o desaparecimento total do CO 2 atmosférico resultaria na morte das plantas por falta de alimento. A escolha de quem pensa! 15

16 b) Os processos são a respiração animal e vegetal, decomposição e queima de combustíveis. Na respiração, o carbono presente nas moléculas orgânicas oxidadas é eliminado sob a forma de gás carbônico; os processos de decomposição também liberam esse gás, tanto por fermentação como por respiração. Combustão de matéria orgânica, seja ela fóssil ou não, devolve à atmosfera carbono sob a forma de gás carbônico. 10. a) A meiose ocorre por ocasião da produção de gametas, nos animais, e esporos, nos vegetais. A separação dos cromossomos homólogos é um processo exclusivo da meiose (também poderia ser respondido pareamento dos cromossomos homólogos e crossing-over). b) Na anáfase I, o fenômeno da não-disjunção (nãoseparação) do par dos cromossomos 21 fará com que uma das células-filhas tenha 2 exemplares, enquanto a outra, nenhum. No caso da anáfase II, a não-separação das cromátides poderá levar à formação de gametas com 2 cromossomos 21. Aula 5 Bioquímica - Citologia - Genética - Fisiologia Humana - Mutações 01. O esquema abaixo representa um processo bioquímico que ocorre em células procarióticas e eucarióticas: 11. a) I. ovulação II. fecundação. 12. b) Em III, existe um aglomerado de blastômeros, caracterizando a fase de mórula. Até a implantação no útero, ocorrem divisões por mitose. Tipo de ovo Ovo oligolécito Ovo telolécito incompleto ou heterolécito Ovo telolécito completo Ovo centrolécito Tipo de segmentação segmentação holoblástica igual holoblástica desigual meroblástica discoidal meroblástica superficial Exemplo de ocorrência mamíferos com placenta, anfioxo e ecnodermatas anfíbios e anelídeos aves, répteis e mamíferos sem placenta Artrópodes Observe o esquema e cite: a) o nome do composto não nitrogenado presente em I e IV e ausente em III: b) a porcentagem das moléculas indicadas em IV que corresponde a pirimidinas: c) a função da macromolécula representada em II e o nome da unidade monomérica que a compõe: Função: Nome: 02. As ilustrações apresentadas a seguir representam diferentes tipos celulares, em que os componentes do citoesqueleto desempenham funções especializadas. 13. I) A seta 1 indica o embrioblasto e a seta 2 indica o trofoblasto. II) O embrioblasto vai originar o futuro embrião. 14. a) O ser procariótico originou os organismos do Reino Monera (bactérias e cianobactérias), cuja principal característica é a presença de célula procariontes, caracterizada pela ausência de organelas membranosas e membrana nuclear (carioteca). O ser eucariótico A originou os protistas heterótrofos (protozoários), os representantes do Reino Fungi e os do Reino Animalia, pois todos esses organismos possuem células eucariontes e são heterótrofos. O ser eucariótico B originou os protistas autótrofos (algas) e os representantes do reino Plantae, uma vez que possuem cloroplastos e são autótrofos fotossintetizantes. b) A melhor característica seria a presença ou a ausência da membrana nuclear (carioteca) e organelas membranosas (mitocôndria, cloroplastos e outras). Os organismos eucarióticos apresentam membrana nuclear e organelas membranosas em suas células enquanto que os procarióticos não. 15. Além dos reinos Animalia e Plantae existem outros três reinos: o reino Monera (bactérias e cianobactérias), o reino Protista (protozoários e algas) e o reino Fungi (fungos). Em relação a essas células, faça o que é proposto. a) Cite os componentes do citoesqueleto envolvidos nas funções representadas em I, II e III. b) Dê nome às funções desempenhadas em I, II e III. c) Cite uma característica que diferencie os movimentos de II e III. 03. Observe a figura abaixo, que representa uma célula vegetal. 16 A escolha de quem pensa!

17 Após a observação, cite: a) o nome de um dos polissacarídeos constituintes da estrutura indicada em 1. b) o nome do processo, realizado na estrutura indicada em 2, que resulta na produção de carboidrato. c) o número que indica a estrutura responsável pelo transporte de substâncias entre os meios intra e extracelulares. d) o nome de uma das estruturas celulares acima que não ocorre em células animais. e) o nome da estrutura que impede a ruptura (lise) da célula vegetal em meio hipotônico. 04. Observe o esquema dos diferentes níveis de organização do material genético. Após observação, cite: a) os números que representam o lisossomo primário e o corpo residual, respectivamente: Lisossomo primário: Corpo residual: b) o nome geral dado às enzimas presentes na organela VII e o nome do processo indicado em I. Nome das enzimas: Nome do processo: c) o nome da organela representada por IV: 06. As folhas de mandioca apresentam taxas metabólicas relativamente elevadas sob ótimas condições ambientais. Isso permite que ocorra acumulação de carboidratos em suas raízes, já que estas são do tipo tuberosas, atuando como órgão especial de reserva. O gráfico abaixo mostra o desenvolvimento da parte aérea e a acumulação do amido nas raízes da mandioca. Após observação, cite: a) os nomes que correspondem às indicações IV e VI: IV: VI: b) o número que corresponde ao nível mais básico de organização da cromatina e o número de vezes que a estrutura IV está presente em um bivalente no paquíteno: Número correspondente: Número de vezes: 05. Observe o esquema abaixo, que representa o ciclo lisossômico, em uma célula. Com base no gráfico, a) explicite o que ocorreu com a planta nos três primeiros meses. Justifique. b) justifique as mudanças ocorridas na planta após o terceiro mês. 07. A fibrose cística é a mais comum entre as doenças A escolha de quem pensa! 17

18 genéticas graves da infância. No Brasil, a sobrevida de pacientes com essa doença é, em média, de 12 anos. Analise este esquema: Considerando as informações desse esquema e outros conhecimentos sobre o assunto, faça o que se pede. a) EXPLIQUE a importância das enzimas produzidas pelo pâncreas para o desenvolvimento normal do indivíduo. b) EXPLIQUE por que as secreções pulmonares espessas aumentam a incidência de pneumonia nos indivíduos fibrocísticos. c) Atualmente, estão descritas cerca de mutações no gene da fibrose cística. Entre essas, a mais comum é a D F508 ou seja, a ausência do aminoácido fenilalanina na posição 508 da cadeia polipeptídica. c1) Na mutação D F508,quantos nucleotídeos estão envolvidos? c2) EXPLIQUE, do ponto de vista genético, por que pacientes com fibrose cística podem apresentar diferentes expressões fenotípicas da doença. 08. Todas as células são envolvidas por uma membrana plasmática que controla a entrada e a saída de substâncias. A organização estrutural e funcional da camada fosfolipídica e a presença de proteínas de transporte conferem à membrana plasmática a capacidade de ser permeável apenas a algumas substâncias. Analise e responda as questões abaixo sobre os processos de troca de substâncias entre as células e o meio externo. a) O salgamento dos alimentos é um recurso que evita a sua putrefação, sendo, por isso, utilizado na preservação de diversos tipos de carnes. Explique porque o sal ajuda na preservação desse alimento. b) A célula vegetal não sofre plasmoptise, ou seja, ela não se rompe ao ser colocada numa solução hipotônica. Você concorda com essa afirmativa? Justifique sua resposta. 09. Os representantes do Reino Plantae apresentam peculiaridades que são percebidas desde o nível celular. Com base na análise da figura: a) Considerando as informações dessa figura e outros conhecimentos sobre o assunto, CITE a função desempenhada pela organela B. b) EXPLIQUE de que modo a função da organela A e a da organela C são realizadas nas células dos seres do Reino Animalia. 10. A audição normal está sob o controle de dois pares de genes C e D, que se segregam independentemente. O primeiro determina a presença do nervo auditivo, enquanto o segundo, a presença da cóclea. Assim sendo, apenas indivíduos com, pelo menos, um gene dominante em cada lócus terão audição normal. Os demais genótipos determinam um tipo de surdez genética conhecida como surdez profunda. 1. Considerando essas informações e outros conhecimentos sobre o assunto, RESPONDA: É possível casais portadores de surdez profunda terem todos os filhos com audição normal? Sim. Não. JUSTIFIQUE sua resposta. 2. DETERMINE qual é a probabilidade de um casal duplo heterozigoto ter uma criança normal e homozigota dominante para os dois lócus. (Deixe explicitado seu raciocínio.) 11. A alimentação rica em gordura, o sedentarismo e o consumo de cigarro são hábitos presentes na sociedade atual, sendo responsáveis, em parte, pela hipertensão arterial, que, por sua vez, favorece o acúmulo de placas de gordura na parede interna das artérias, causando a aterosclerose. a) O que ocorre com o fluxo sanguíneo nas artérias em que há acúmulo de placas de gordura? Justifique. b) Em situação normal, quando o sangue bombeado pelo coração passa pelas artérias, esses vasos sofrem alterações estruturais, que permitem sua adaptação ao aumento de pressão. Explique como as artérias se alteram para se adaptar a esse aumento da pressão arterial. Que componente da parede da artéria permite essa adaptação? 12. Parte da bile produzida pelo nosso organismo não é reabsorvida na digestão. Ela se liga às fibras vegetais ingeridas na alimentação e é eliminada pelas fezes. Recomenda-se uma dieta rica em fibras para pessoas com altos níveis de colesterol no sangue. a) Onde a bile é produzida e onde ela é reabsorvida em nosso organismo? b) Qual é a relação que existe entre a dieta rica em fibras e a diminuição dos níveis de colesterol no organismo? Justifique. 13. O esvaziamento gástrico excessivamente rápido pode levar à formação de uma úlcera duodenal. Já a regurgitação do conteúdo duodenal pode contribuir para a formação das úlceras gástricas. Em relação à afirmação acima, responda: a) A afirmação é verdadeira? Justifique sua resposta. b) Comente o controle hormonal da digestão no estômago e no intestino. 18 A escolha de quem pensa!

19 14. Suponha que aminoácidos que entram na composição das enzimas digestivas de um macrófago tenham sido marcados com isótopos radioativos, o que permite acompanhar seu trajeto pela célula. Em que organela do macrófago haverá maior concentração desses aminoácidos? Justifique. 15. Melanina é um tipo de pigmento protéico produzido pelos melanócitos, células da camada basal da epiderme. Clorofila é a designação de um grupo de pigmentos presentes nos cloroplastos das plantas, conferindo-lhes a cor verde. Mutações nos genes que participam das vias biossintéticas desses pigmentos podem comprometer sua produção, resultando em indivíduos albinos. Um animal albino pode crescer e se reproduzir; uma planta albina, contudo, não pode sobreviver. Explique por que um animal albino é viável, enquanto uma planta albina não. 01. a) Ribose. 02. a) Gabarito b) 50%. IV representa os nucleotídeos livres, usados na síntese do RNA. As bases pirimídicas são a citosina e a uracila, em um total de 4 bases (adenina, citosina, guanina e uracila) c) Função: Responsável pela transcrição do DNA em RNA Nome: aminoácidos I à Microtúbulos II à Microfilamentos III à Microfilamentos b) I à Batimento flagelar/ Locomoção II à Movimento ameboide II à Ciclose c) Em II há formação de pseudópodos, o que não ocorre em III. 03. a) Celulose. b) Fotossíntese. c) Número 4. d) Cloroplastos; parede celular; vacúolo de suco celular. e) Parede celular. 04. a) IV: Cromátide; VI: Telômero b) Número correspondente: III Número de vezes: a) Lisossomo primário: VII Corpo residual: III b) Nome das enzimas: enzimas lisossômicas Nome do processo: Exocitose/clasmocitose c) Fagossomo 06. a) Nos três primeiros meses, a planta estava em fase de crescimento. Nesse período, a glicose produzida pela fotossíntese estava sendo utilizada, quase totalmente, para o desenvolvimento da parte aérea da planta, razão pela qual houve pouco acúmulo de amido nas raízes. b) Após o terceiro mês, a formação de ramos e superfície foliar torna-se constante. Com isso, grande parte do carboidrato é acumulada nas raízes, pois não é mais necessário investir na fase de crescimento. 07. a) As enzimas participam da digestão de macromoléculas, disponibilizando nutrientes para a absorção (aminoácidos, açúcares, lipídios...). b) Favorecem o crescimento de bactérias causadoras da pneumonia. C.c1) Para a incorporação de 1 aminoácido são necessários 3 nucleotídeos. C2) Porque tipos diferentes de mutações no mesmo gene resultam em proteínas alteradas e, conseqüentemente, em expressividade variável da doença. 08 a) Com o salgamento, o alimento torna-se hipertônico em relação aos microrganismos (que causam a putrefação) que, então, perdem água para o alimento e morrem. b) Sim, pois, a célula vegetal é revestida pela parede celular, resistente, que Impede sua ruptura 09. a) Fotossíntese. b) Organela A à sustentação pelos microtúbulos e microfilamentos (citoesqueleto). Organela C à digestão pelos lisossomos e armazenamento de glicogênio no citoplasma Sim. Todos os filhos de um casal portador de surdez profunda terão audição se ambos os genitores apresentarem homozigose recessiva e dominante, em lócus diferentes. 2. Um exemplo: ccdd x CCdd Considere o cruzamento: AaBb x AaBb Cruzando Aa x Aa, temos: ¼ AA; ½ Aa e ¼ aa Cruzando Bb x Bb, temos: ¼ BB; ½ Bb e ¼ bb. Probabilidade de sair descendente AABB = ¼ x ¼ = 1/ a) O fluxo sanguíneo diminui, uma vez que as placas de gordura reduzem o calibre dos vasos sanguíneos. b) As artérias sofrem uma discreta dilatação, com o consequente aumento do calibre,o que impede a obtenção de valores de pressão muito elevados. Essa dilatação é possível graças à camada de tecido muscular liso que constitui a túnica média das artérias. 12. a) A bile é produzida no fígado e, posteriormente, reabsorvida no intestino delgado. b) As fibras provocam uma eliminação maior da bile, portanto, mais colesterol é requerido pelo fígado para a síntese da bile. Neste caso, há uma redução do colesterol circulante. 13. a) A primeira afirmativa sim, pois, o conteúdo estomacal é muito ácido e, assim, pode haver formação de feridas na mucosa duodenal pela ação do suco gástrico, rico em HCl. A segunda afirmativa é falsa, pois, o conteúdo duodenal tem caráter básico, devido à presença de bicarbonato presente no suco pancreático que é lançado no duodeno. b) A chegada do bolo alimentar ao estômago estimula a secreção de gastrina, hormônio produzido pela parede estomacal. Esse hormônio estimula a secreção de HCl pelo estômago, além de aumentar a motilidade gástrica. A chegada de HCl ao intestino delgado o estimula a secretar o hormônio secretina, o qual estimula a secreção do suco pancreático, contendo bicarbonato. Além disso, inibe a motilidade estomacal. A escolha de quem pensa! 19

20 A chegada de gorduras e peptonas no intestino delgado o estimula a produzir pancreozimina (colecistocinina). Esse hormônio estimula a liberação de enzimas pancreáticas e, também, estimula a liberação de bile pela vesícula biliar. A presença de gorduras no duodeno também estimula a produção de enterogastronas pelo intestino delgado, hormônio que inibe a motilidade gástrica. 14. O material radioativo estará concentrado nos lisossomos, organelas responsáveis pela digestão de material exógeno fagocitado pelo macrófago. Comentário: Inicialmente, o material poderá ser detectado no retículo rugoso, onde as enzimas são sintetizadas; mais tarde, no sistema golgiense, que finalmente as libera sob a forma de vesículas, os lisossomos. Assim, a concentração do material nos lisossomos ocorrerá no final de um processo. 15. A ausência de clorofila na planta albina impede que ela realize a fotossíntese, processo pelo qual ela obtém seu alimento orgânico. A melanina, por sua vez, não está relacionada com a nutrição de animais, que são heterótrofos. A ausência deste pigmento não interfere, portanto, na sua viabilidade. a) Qual o nível de acidez (ph) no estômago? b) No intestino delgado o ph gira em torno de oito. A que se deve a alcalinidade do meio intestinal? c) Sobre que substrato alimentar atua a pepsina do estômago? d) Qual a função da bile produzida pelo fígado? 03. O gráfico abaixo mostra a variação da atividade de uma enzima proteolítica do tubo digestivo em função do ph: Aula 6 Fisiologia Humana - Genética 01. Observe o esquema: a) Qual o nome da referida enzima? b) Em que parte do tubo digestivo atua essa enzima? 04. O esquema abaixo é referente ao coração de um mamífero Identifique: a) os órgãos apontados pelas setas de um a sete. b) o local onde tem início a digestão das proteínas. c) o órgão que produz a bile. d) a região onde ocorre a absorção dos alimentos. 02. Analise o esquema que representa parte do sistema digestivo do homem. a) Que números indicam artérias e veias? b) Que números indicam vasos por onde circulam sangue arterial e sangue venoso? c) Que números indicam vasos que participam da circulação pulmonar e da circulação sistêmica? 05. Observe as figuras referentes a algumas etapas da gestação humana, A, B e C, e do parto, D, E e F, em que algumas estruturas foram indicadas por números de 1 a A escolha de quem pensa!

PROFESSOR GUILHERME BIOLOGIA

PROFESSOR GUILHERME BIOLOGIA Laranjeiras do Sul: Av. 7 de Setembro, 1930. Fone: (42) 3635 5413 Quedas do Iguaçu: Pça. Pedro Alzide Giraldi, 925. Fone: (46) 3532 3265 www.genevestibulares.com.br / contato@genevestibulares.com.br PROFESSOR

Leia mais

PlanetaBio Resolução de Vestibulares FUVEST 2006 2ª fase www.planetabio.com

PlanetaBio Resolução de Vestibulares FUVEST 2006 2ª fase www.planetabio.com 1-O esquema abaixo representa as principais relações alimentares entre espécies que vivem num lago de uma região equatorial. Com relação a esse ambiente: a) Indique os consumidores primários. b) Dentre

Leia mais

Trabalho Online. 3ª SÉRIE TURMA: 3101 2º Bimestre Nota: DATA: / /

Trabalho Online. 3ª SÉRIE TURMA: 3101 2º Bimestre Nota: DATA: / / Trabalho Online NOME: Nº.: DISCIPLINA: BIOLOGIA I PROFESSOR(A): LEANDRO 3ª SÉRIE TURMA: 3101 2º Bimestre Nota: DATA: / / 1. A seguir estão representados três modelos de biomembranas: a) A que constituintes

Leia mais

Questão 1 Questão 2. Questão 3. Resposta. Resposta

Questão 1 Questão 2. Questão 3. Resposta. Resposta Questão 1 Questão 2 O esquema abaixo representa as principais relações alimentares entre espécies que vivem num lago de uma região equatorial. a) O câncer é uma doença genética, mas na grande maioria dos

Leia mais

No início do século XX, o austríaco Karl Landsteiner, misturando o sangue de indivíduos diferentes, verificou que apenas algumas combinações eram

No início do século XX, o austríaco Karl Landsteiner, misturando o sangue de indivíduos diferentes, verificou que apenas algumas combinações eram No início do século XX, o austríaco Karl Landsteiner, misturando o sangue de indivíduos diferentes, verificou que apenas algumas combinações eram compatíveis. Descobriu, assim, a existência do chamado

Leia mais

BIOLOGIA COMENTÁRIO DA PROVA

BIOLOGIA COMENTÁRIO DA PROVA COMENTÁRIO DA PROVA Nesta edição do vestibular da UFPR, a prova de Biologia da segunda fase apresentou questões com diferentes níveis de dificuldade. Mas, de forma geral, podemos afirmar que a criatividade,o

Leia mais

ALUNO(a): Observe o esquema a seguir, no qual I e II representam diferentes estruturas citoplasmáticas.

ALUNO(a): Observe o esquema a seguir, no qual I e II representam diferentes estruturas citoplasmáticas. GOIÂNIA, / / 2015 PROFESSOR: DISCIPLINA: SÉRIE: 3º ano ALUNO(a): Lista de Exercícios NOTA: No Anhanguera você é + Enem Questão 01) Observe o esquema a seguir, no qual I e II representam diferentes estruturas

Leia mais

EXAME DE BIOLOGIA Prova de Acesso - Maiores 23 Anos (21 de Abril de 2009)

EXAME DE BIOLOGIA Prova de Acesso - Maiores 23 Anos (21 de Abril de 2009) INSTITUTO POLITÉCNICO DE BEJA EXAME DE BIOLOGIA Prova de Acesso - Maiores 23 Anos (21 de Abril de 2009) Nome do Candidato Classificação Leia as seguintes informações com atenção. 1. O exame é constituído

Leia mais

BIOLOGIA - 1 o ANO MÓDULO 17 MITOCÔNDRIAS E RESPIRAÇÃO CELULAR

BIOLOGIA - 1 o ANO MÓDULO 17 MITOCÔNDRIAS E RESPIRAÇÃO CELULAR BIOLOGIA - 1 o ANO MÓDULO 17 MITOCÔNDRIAS E RESPIRAÇÃO CELULAR Retículo endoplasmático Invólucro nuclear Núcleo Mitocôndria Procarionte fotossintético Cloroplasto Procarionte ancestral Eucariote ancestral

Leia mais

A descoberta da célula

A descoberta da célula A descoberta da célula O que são células? As células são a unidade fundamental da vida CITOLOGIA A área da Biologia que estuda a célula, no que diz respeito à sua estrutura e funcionamento. Kytos (célula)

Leia mais

CPV seu pé direito também na medicina

CPV seu pé direito também na medicina seu pé direito também na medicina UNICAMP 2 a fase 18/Janeiro/2011 BIOLOGIA 01. Doenças graves como o botulismo, a lepra, a meningite, o tétano e a febre maculosa são causadas por bactérias. As bactérias,

Leia mais

TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO (Ufc) Na(s) questão(ões) a seguir escreva no espaço apropriado a soma dos itens corretos.

TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO (Ufc) Na(s) questão(ões) a seguir escreva no espaço apropriado a soma dos itens corretos. Respiração e Fermentação 1. (Fuvest) O fungo 'Saccharomyces cerevisiae' (fermento de padaria) é um anaeróbico facultativo. Quando cresce na ausência de oxigênio, consome muito mais glicose do que quando

Leia mais

PlanetaBio Resolução de Vestibulares UFRJ 2007 www.planetabio.com

PlanetaBio Resolução de Vestibulares UFRJ 2007 www.planetabio.com 1-O gráfico a seguir mostra como variou o percentual de cepas produtoras de penicilinase da bactéria Neisseria gonorrhoeae obtidas de indivíduos com gonorréia no período de 1980 a 1990. A penicilinase

Leia mais

A) As moléculas orgânicas simples obtidas são glicerídios que são utilizados pelo organismo com função reguladora.

A) As moléculas orgânicas simples obtidas são glicerídios que são utilizados pelo organismo com função reguladora. QUESTÃO 1 "Ceará joga fora opção alimentar" Segundo pesquisas da UFC, a cada ano 800 toneladas de carne de cabeça de lagosta não são aproveitadas sendo lançadas ao mar. "0 estudo sobre hidrólise enzimática

Leia mais

Aquisição 1: Vantagem adaptativa: Aquisição 2: Vantagem adaptativa: Aquisição 3: Vantagem adaptativa:

Aquisição 1: Vantagem adaptativa: Aquisição 2: Vantagem adaptativa: Aquisição 3: Vantagem adaptativa: A prova de Biologia da segunda fase do vestibular 2015 da UFPR abordou diferentes temas, interrelacionando-os, favorecendo o candidato que estuda de forma interativa os diferentes aspectos da Biologia

Leia mais

Questões complementares

Questões complementares Questões complementares 1. Definir célula e os tipos celulares existentes. Caracterizar as diferenças existentes entre os tipos celulares. 2. Existe diferença na quantidade de organelas membranares entre

Leia mais

Educadora: Daiana Araújo C. Curricular:Ciências Naturais Data: / /2013 Estudante: 8º Ano

Educadora: Daiana Araújo C. Curricular:Ciências Naturais Data: / /2013 Estudante: 8º Ano Educadora: Daiana Araújo C. Curricular:Ciências Naturais Data: / /2013 Estudante: 8º Ano O termo célula foi usado pela primeira vez pelo cientista inglês Robert Hooke, em 1665. Por meio de um microscópio

Leia mais

Seu pé direito nas melhores Faculdades PUC 29/11/2009

Seu pé direito nas melhores Faculdades PUC 29/11/2009 Seu pé direito nas melhores Faculdades PUC 29//2009 5 Biologia 26. Malária (I), febre amarela (II), mal de Chagas (III) e síndrome da imunodeficiência adquirida (IV) são algumas das doenças que ocorrem

Leia mais

BIOLOGIA. (A) a transmissão se dá pela ingestão de alimentos contaminados. (B) o mosquito transmissor da doença se reproduz em locais com água parada.

BIOLOGIA. (A) a transmissão se dá pela ingestão de alimentos contaminados. (B) o mosquito transmissor da doença se reproduz em locais com água parada. BIOLOGIA 21ª QUESTÃO A dengue é uma doença infecciosa aguda causada por vírus. Seus principais sintomas são febre súbita, fortes dores musculares, moleza, dor de cabeça, manchas vermelhas no corpo e dores

Leia mais

DURAÇÃO DA PROVA: 03 HORAS

DURAÇÃO DA PROVA: 03 HORAS PROCESSO SELETIVO 2008/2 - CPS PROVA DISCURSIVA DE BIOLOGIA INSTRUÇÕES: CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA 1. Só abra a prova quando autorizado. 2. Veja se este caderno contém 10 (dez) questões discursivas.

Leia mais

N1001 ATENÇÃO, ALUNO! Agora, você vai responder a questões de Biologia.

N1001 ATENÇÃO, ALUNO! Agora, você vai responder a questões de Biologia. N1001 ATENÇÃO, ALUNO! Agora, você vai responder a questões de Biologia. Questão 01 B100010RJ Observe o esquema abaixo. 46 23 46 23 46 23 23 Disponível em: . Acesso

Leia mais

Biologia Celular: Transformação e armazenamento de energia: Mitocôndrias e Cloroplastos

Biologia Celular: Transformação e armazenamento de energia: Mitocôndrias e Cloroplastos FUNDAÇÃO PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS - FUPAC FACULDADE PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS DE UBERLÂNDIA Biologia Celular: Transformação e armazenamento de energia: Mitocôndrias e Cloroplastos Prof. MSc Ana Paula

Leia mais

AULA 1 ORGANIZAÇÃO CELULAR DOS SERES VIVOS

AULA 1 ORGANIZAÇÃO CELULAR DOS SERES VIVOS AULA 1 ORGANIZAÇÃO CELULAR DOS SERES VIVOS Apesar da diversidade entre os seres vivos, todos guardam muitas semelhanças, pois apresentam material genético (DNA) em que são encontradas todas as informações

Leia mais

Painéis Do Organismo ao Genoma

Painéis Do Organismo ao Genoma Painéis Do Organismo ao Genoma A série de 5 painéis do organismo ao genoma tem por objetivo mostrar que os organismos vivos são formados por células que funcionam de acordo com instruções contidas no DNA,

Leia mais

I. Os anticorpos são transferidos através da placenta.

I. Os anticorpos são transferidos através da placenta. Revisão para recuperação Questão 01) A descoberta dos sistemas sanguíneos ABO e Rh teve grande impacto na área médica, pois permitiu realizar transfusões de sangue apenas entre pessoas de grupos sanguíneos

Leia mais

EXERCÍCIOS ON LINE 1ª SÉRIE TURMA: 1101 DATA: NOME: Nº

EXERCÍCIOS ON LINE 1ª SÉRIE TURMA: 1101 DATA: NOME: Nº EXERCÍCIOS ON LINE 3º Bimestre DISCIPLINA: BIOLOGIA PROFESSOR(A): LEANDRO 1ª SÉRIE TURMA: 1101 DATA: NOME: Nº 1. Qual a composição química da membrana plasmática? 2. A célula apresenta membrana plasmática

Leia mais

Centríolos. Ribossomos

Centríolos. Ribossomos Ribossomos Os ribossomos são encontrados em todas as células (tanto eucariontes como procariontes) e não possuem membrana lipoprotéica (assim como os centríolos). São estruturas citoplasmáticas responsáveis

Leia mais

EXERCÍCIOS PARA O 8 ANO (2015)

EXERCÍCIOS PARA O 8 ANO (2015) EXERCÍCIOS PARA O 8 ANO (2015) 1- A Fábrica Celular Células de bactérias (procarióticas) e células animais (eucarióticas), apresentam semelhanças e diferenças. a) Qual a estrutura presente em ambas que

Leia mais

Prof. Felipe de Lima Almeida

Prof. Felipe de Lima Almeida Prof. Felipe de Lima Almeida No século XVI, dois holandeses, fabricantes de óculos, descobriram que duas lentes montadas em um tubo poderiam ampliar a imagem de objetos que, normalmente, não eram vistos

Leia mais

Profa. Josielke Soares josisoares@ig.com.br

Profa. Josielke Soares josisoares@ig.com.br Profa. Josielke Soares josisoares@ig.com.br A célula é a menor unidade estrutural básica do ser vivo. A palavra célula foi usada pela primeira vez em 1667 pelo inglês Robert Hooke. Com um microscópio muito

Leia mais

1- Considere as características das células A, B e C da tabela: ela indica a presença (+) ou ausência (- ) de alguns componentes.

1- Considere as características das células A, B e C da tabela: ela indica a presença (+) ou ausência (- ) de alguns componentes. Membrana Plasmática 1- Considere as características das células A, B e C da tabela: ela indica a presença (+) ou ausência (- ) de alguns componentes. Componentes celulares Célula A Célula B Célula C Membrana

Leia mais

Criado e Desenvolvido por: Todos os direitos são reservados 2015. www.tioronni.com

Criado e Desenvolvido por: Todos os direitos são reservados 2015. www.tioronni.com Criado e Desenvolvido por: Todos os direitos são reservados 2015. www.tioronni.com O NÚCLEO E A SÍNTESE PROTEÍCA O núcleo celular, descoberto em 1833 pelo pesquisador escocês Robert Brown, é uma estrutura

Leia mais

Exercícios Propostos Clonagem Professor Fernando

Exercícios Propostos Clonagem Professor Fernando Exercícios Propostos Clonagem Professor Fernando 1. (Fuvest) Uma maneira de se obter um clone de ovelha é transferir o núcleo de uma célula somática de uma ovelha adulta A para um óvulo de uma outra ovelha

Leia mais

Lista de Genética 2º EM Colégio São José - 2013

Lista de Genética 2º EM Colégio São José - 2013 1. (Fuvest 92) Nos anos 40, o famoso cineasta Charlie ChapIin foi acusado de ser o pai de uma criança, fato que ele não admitia. Os exames de sangue revelaram que a mãe era do grupo A, a criança do grupo

Leia mais

BANCO DE QUESTÕES - BIOLOGIA - 1ª SÉRIE - ENSINO MÉDIO ==============================================================================================

BANCO DE QUESTÕES - BIOLOGIA - 1ª SÉRIE - ENSINO MÉDIO ============================================================================================== PROFESSOR: Leonardo Mariscal BANCO DE QUESTÕES - BIOLOGIA - 1ª SÉRIE - ENSINO MÉDIO ============================================================================================== Ácidos Nucleicos 01- Os

Leia mais

NÚCLEO e DIVISÃO CELULAR

NÚCLEO e DIVISÃO CELULAR NÚCLEO e DIVISÃO CELULAR CÉLULA EUCARIONTE Cláudia Minazaki NÚCLEO Único; Normalmente: central Formato: acompanha a forma da célula Tamanho: varia com o funcionamento da célula Ciclo de vida da célula

Leia mais

O DNA é formado por pedaços capazes de serem convertidos em algumas características. Esses pedaços são

O DNA é formado por pedaços capazes de serem convertidos em algumas características. Esses pedaços são Atividade extra Fascículo 2 Biologia Unidade 4 Questão 1 O DNA é formado por pedaços capazes de serem convertidos em algumas características. Esses pedaços são chamados de genes. Assinale abaixo quais

Leia mais

QUESTÃO 40 PROVA DE BIOLOGIA II. A charge abaixo se refere às conseqüências ou características da inflamação. A esse respeito, é INCORRETO afirmar:

QUESTÃO 40 PROVA DE BIOLOGIA II. A charge abaixo se refere às conseqüências ou características da inflamação. A esse respeito, é INCORRETO afirmar: 22 PROVA DE BIOLOGIA II QUESTÃO 40 A charge abaixo se refere às conseqüências ou características da inflamação. A esse respeito, é INCORRETO afirmar: a) Se não existisse o processo inflamatório, os microorganismos

Leia mais

UFJF CONCURSO VESTIBULAR 2012-2 GABARITO DA PROVA DE BIOLOGIA

UFJF CONCURSO VESTIBULAR 2012-2 GABARITO DA PROVA DE BIOLOGIA Questão 1 Sobre as mitocôndrias, responda: a) Através da análise de DNA, demonstrou-se que muitos genes da bactéria Rickettsia prowazekii, que causa um tipo de febre, são parecidos com os genes das mitocôndrias.

Leia mais

1. (Unesp) A ilustração apresenta o resultado de um teste de paternidade obtido pelo método do DNA-Fingerprint, ou "impressão digital de DNA".

1. (Unesp) A ilustração apresenta o resultado de um teste de paternidade obtido pelo método do DNA-Fingerprint, ou impressão digital de DNA. Ácidos Nuclêicos 1. (Unesp) A ilustração apresenta o resultado de um teste de paternidade obtido pelo método do DNA-Fingerprint, ou "impressão digital de DNA". a) Segundo o resultado acima, qual dos homens,

Leia mais

Biologia Professor Vianna 2ª série / 1º trimestre

Biologia Professor Vianna 2ª série / 1º trimestre Biologia Professor Vianna 2ª série / 1º trimestre Módulo 1 EMBRIOLOGIA 1 Atualmente já existem protocolos de pesquisa utilizando células-tronco embrionárias na busca de tratamento para várias doenças humanas,

Leia mais

Microscópio de Robert Hooke Cortes de cortiça. A lente possibilitava um aumento de 200 vezes

Microscópio de Robert Hooke Cortes de cortiça. A lente possibilitava um aumento de 200 vezes CITOLOGIA A área da Biologia que estuda a célula é a Citologia (do grego: cito = célula; logos = estudo). A invenção do microscópio no final do século XVI revolucionou a Biologia. Esse instrumento possibilitou

Leia mais

Ficha 1 Estudo da Célula Disciplina: Ciências Ano: 8 Data: 1º trimestre 2014 Professor(a): Elaine Kozuki Nome do aluno:

Ficha 1 Estudo da Célula Disciplina: Ciências Ano: 8 Data: 1º trimestre 2014 Professor(a): Elaine Kozuki Nome do aluno: Ficha 1 Estudo da Célula Disciplina: Ciências Ano: 8 Data: 1º trimestre 2014 Professor(a): Elaine Kozuki Nome do aluno: 1. Diferencie e explique a diferença Célula eucariota de célula procariota quanto

Leia mais

Questão 89. Questão 91. Questão 90. alternativa A. alternativa E

Questão 89. Questão 91. Questão 90. alternativa A. alternativa E Questão 89 O esquema representa o sistema digestório humano e os números indicam alguns dos seus componentes. Nível de açúcar no sangue mg/100ml 200 150 100 50 B A 0 1 2 3 4 5 Número de horas após a alimentação

Leia mais

2ª FASE - EXAME DISCURSIVO - 19/12/2004

2ª FASE - EXAME DISCURSIVO - 19/12/2004 2ª FASE - EXAME DISCURSIVO - 19/12/2004 Neste caderno você encontrará um conjunto de 40 (quarenta) páginas numeradas seqüencialmente, contendo 10 (dez) questões de cada uma das seguintes disciplinas: Biologia,

Leia mais

Com base na tabela, qual dos compostos apresentou o melhor potencial biotecnológico para o tratamento de tumores? a) 1. b) 2. c) 3. d) 4. e) 5.

Com base na tabela, qual dos compostos apresentou o melhor potencial biotecnológico para o tratamento de tumores? a) 1. b) 2. c) 3. d) 4. e) 5. BIOLOGIA - EXTENSIVO PROF. PANDA 29/08/2015 08. os lipídios são compostos orgânicos formados pela polimerização de ácidos carboxílicos de cadeias pequenas. 16. os carotenoides são lipídios importantes

Leia mais

PLANEJAMENTO ANUAL / TRIMESTRAL 2013 Conteúdos Habilidades Avaliação

PLANEJAMENTO ANUAL / TRIMESTRAL 2013 Conteúdos Habilidades Avaliação SGAS Q. 906 Conj. E C.P. 30 Fone: (061) 3443-7878 Disciplina: Biologia Trimestre: 1º Professor(a): Elizangela (B1), Guilherme (B) Série: 3º Turmas: 301, 30, 303, 304 PLANEJAMENTO ANUAL / TRIMESTRAL 013

Leia mais

Módulo Núcleo. 2) O esquema a seguir apresenta um experimento realizado com uma alga unicelular.

Módulo Núcleo. 2) O esquema a seguir apresenta um experimento realizado com uma alga unicelular. Módulo Núcleo Exercícios de Aula 1) O envelope nuclear encerra o DNA e define o compartimento nuclear. Assinale a afirmativa INCORRETA sobre o envelope nuclear. a) É formado por duas membranas concêntricas

Leia mais

A probabilidade de nascer uma menina afetada do cruzamento de 3 com 11 é: a) 0,00 b) 0,25 c) 0,50 d) 0,75 e) 1,00

A probabilidade de nascer uma menina afetada do cruzamento de 3 com 11 é: a) 0,00 b) 0,25 c) 0,50 d) 0,75 e) 1,00 Genética e Evolução 1. A mosca drosófila, de olho branco, apresenta a constituição genética X W Y e não possui gene para olho vermelho, que impede a manifestação do outro gene, para olho branco. Na frase,

Leia mais

CAMADA SEDIMENTAR DATA APROXIMADA ESPÉCIES FÓSSEIS COLETADAS 1 30 milhões de anos atrás Medusas

CAMADA SEDIMENTAR DATA APROXIMADA ESPÉCIES FÓSSEIS COLETADAS 1 30 milhões de anos atrás Medusas PROVA DE BIOLOGIA QUESTÃO 1 01 - Um paleontólogo, após anos de estudos de um determinado sítio de fósseis, resolveu tentar reconstruir a variação do ambiente da região estudada. Conforme sua hipótese,

Leia mais

Resolução Resolução OBJETIVO 2004

Resolução Resolução OBJETIVO 2004 1 Nas bactérias, a cadeia respiratória encontra-se associada à membrana plasmática e os ácidos nucléicos estão associados ao citoplasma. a) É assim também em um protista, em um animal e em um vegetal?

Leia mais

Alelos múltiplos na determinação de um caráter

Alelos múltiplos na determinação de um caráter Alelos múltiplos na determinação de um caráter Determinados gene pode sofrer ao longo do tempo diversas mutações e originar vários alelos esse fenômeno é chamado de polialelia. São bastante frequentes

Leia mais

N1101 ATENÇÃO, ALUNO! Agora, você vai responder a questões de Biologia.

N1101 ATENÇÃO, ALUNO! Agora, você vai responder a questões de Biologia. N1101 ATENÇÃO, ALUNO! Agora, você vai responder a questões de Biologia. Questão 01 B110006RJ Os seres vivos obtêm energia a partir da matéria orgânica que se encontra no organismo, comumente, na forma

Leia mais

03. Em fevereiro deste ano, um grupo de pesquisadores divulgou ao mundo a ovelha Dolly, obtido por meio da técnica de clonagem.

03. Em fevereiro deste ano, um grupo de pesquisadores divulgou ao mundo a ovelha Dolly, obtido por meio da técnica de clonagem. 01. Clones são seres vivos obtidos pelo desenvolvimento de células retiradas de indivíduos já existentes. A clonagem é um processo que vem sendo desenvolvido rapidamente com vários organismos e, em humanos,

Leia mais

QUESTÕES ENVOLVENDO ASPECTOS GERAIS DA CITOLOGIA COM ÊNFASE NA IMPORTÂNCIA DAS MEMBRANAS BIOLÓGICAS PARA O MUNDO VIVO. Prof.

QUESTÕES ENVOLVENDO ASPECTOS GERAIS DA CITOLOGIA COM ÊNFASE NA IMPORTÂNCIA DAS MEMBRANAS BIOLÓGICAS PARA O MUNDO VIVO. Prof. Questão 01 QUESTÕES ENVOLVENDO ASPECTOS GERAIS DA CITOLOGIA COM ÊNFASE NA IMPORTÂNCIA DAS MEMBRANAS BIOLÓGICAS PARA O MUNDO VIVO Prof. Cláudio Góes O mundo vivo é construído de tal forma que podemos estabelecer

Leia mais

Seleção Artificial. "A seleção feita pelo homem visa apenas seu próprio bem; a da natureza visa, de forma exclusiva, o bem do indivíduo modificado".

Seleção Artificial. A seleção feita pelo homem visa apenas seu próprio bem; a da natureza visa, de forma exclusiva, o bem do indivíduo modificado. Biotecnologia Seleção Artificial Processo conduzido pelo ser humano de cruzamentos seletivos com o objetivo de selecionar características desejáveis em animais, plantas e outros seres vivos. "A seleção

Leia mais

PlanetaBio Resolução de Vestibulares UFRJ 2009 2ª fase www.planetabio.com

PlanetaBio Resolução de Vestibulares UFRJ 2009 2ª fase www.planetabio.com 1- O gráfico a seguir mostra as fases do ciclo ovariano que ocorre ao longo do ciclo de menstruação de uma mulher. Sabe-se que um óvulo pode viver até 48 horas e os espermatozóides podem viver até cinco

Leia mais

Mutação e Engenharia Genética

Mutação e Engenharia Genética Mutação e Engenharia Genética Aula Genética - 3º. Ano Ensino Médio - Biologia Prof a. Juliana Fabris Lima Garcia Mutações erros não programados que ocorrem durante o processo de autoduplicação do DNA e

Leia mais

COMISSÃO PERMANENTE DE SELEÇÃO COPESE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO PROGRAD VESTIBULAR 2011 PROVA DE BIOLOGIA

COMISSÃO PERMANENTE DE SELEÇÃO COPESE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO PROGRAD VESTIBULAR 2011 PROVA DE BIOLOGIA Questão 1: É sabido que indivíduos homozigotos recessivos para alelos mutados do gene codificador da enzima hexosaminidase desenvolvem uma doença conhecida como Tay-Sachs, e morrem antes do quarto ano

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SANTA CATARINA CAMPUS LAGES CURSO TÉCNICO EM BIOTECNOLOGIA. Aluno: Módulo I

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SANTA CATARINA CAMPUS LAGES CURSO TÉCNICO EM BIOTECNOLOGIA. Aluno: Módulo I INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SANTA CATARINA CAMPUS LAGES CURSO TÉCNICO EM BIOTECNOLOGIA Aluno: Módulo I Professor: Leandro Parussolo Unidade Curricular: Biologia Celular ATIVIDADE

Leia mais

- Nosso corpo é formado por inúmeras estruturas macro e microscópicas;

- Nosso corpo é formado por inúmeras estruturas macro e microscópicas; CAPÍTULO 01 A CÉLULA - Nosso corpo é formado por inúmeras estruturas macro e microscópicas; - O funcionamento interligado e harmonioso dessas estruturas mantém o corpo vivo, em funcionamento; A ORGANIZAÇÃO

Leia mais

Exercícios de Aprofundamento Biologia Proteínas e Núcleo Celular

Exercícios de Aprofundamento Biologia Proteínas e Núcleo Celular 1. (Fuvest 2013) Louis Pasteur realizou experimentos pioneiros em Microbiologia. Para tornar estéril um meio de cultura, o qual poderia estar contaminado com agentes causadores de doenças, Pasteur mergulhava

Leia mais

Universidade Federal de Uberlândia

Universidade Federal de Uberlândia PRIMEIRA QUESTÃO Item A Valor: 10 pontos. Possíveis respostas: 3 em 16 (10 pontos). 3/16 (10 pontos). 18,75% (10 pontos). Item B Valor: 10 pontos. Proporção genotípica do cruzamento RRee X RrEe (Valor:

Leia mais

d) 23, 46, 26. 23 d) DNA nucleotídeos desoxirribose uracila desoxirribose timina e) DNA ácidos desoxirribonucléicos

d) 23, 46, 26. 23 d) DNA nucleotídeos desoxirribose uracila desoxirribose timina e) DNA ácidos desoxirribonucléicos 01 - (IBMEC RJ) O núcleo celular foi descoberto pelo pesquisador escocês Robert Brown, que o reconheceu como componente fundamental das células. O nome escolhido para essa organela expressa bem essa ideia:

Leia mais

A biodiversidade em diferentes ambientes. http://www.prof2000.pt/users/ccaf/exercicios/ecossistemas/biomas.htm

A biodiversidade em diferentes ambientes. http://www.prof2000.pt/users/ccaf/exercicios/ecossistemas/biomas.htm A biodiversidade em diferentes ambientes http://www.prof2000.pt/users/ccaf/exercicios/ecossistemas/biomas.htm Unidade básica da vida a célula Quem foi Robert Hooke? Por volta de 1667, o cientista inglês

Leia mais

CITOPLASMA. Características gerais 21/03/2015. Algumas considerações importantes: 1. O CITOPLASMA DAS CÉLULAS PROCARIÓTICAS

CITOPLASMA. Características gerais 21/03/2015. Algumas considerações importantes: 1. O CITOPLASMA DAS CÉLULAS PROCARIÓTICAS CITOPLASMA Algumas considerações importantes: Apesar da diversidade, algumas células compartilham ao menos três características: Biologia e Histologia São dotadas de membrana plasmática; Contêm citoplasma

Leia mais

Células procarióticas

Células procarióticas Pró Madá 1º ano Células procarióticas Citosol - composto por 80% de água e milhares de tipos de proteínas, glicídios, lipídios, aminoácidos, bases nitrogenadas, vitaminas, íons. Moléculas de DNA e ribossomos

Leia mais

Padrão de respostas às questões discursivas

Padrão de respostas às questões discursivas Padrão de respostas às questões discursivas A seguir encontram-se as questões das provas discursivas da 2ª ETAPA do Vestibular UFF 2011, acompanhadas das respostas esperadas pelas bancas. GABARITO BIOLOGIA

Leia mais

BIOLOGIA. Questões de 01 a 06. 01. As figuras abaixo representam organelas e estruturas citoplasmáticas.

BIOLOGIA. Questões de 01 a 06. 01. As figuras abaixo representam organelas e estruturas citoplasmáticas. GRUPO 2 BIO. 1 BIOLOGIA Questões de 01 a 06 01. As figuras abaixo representam organelas e estruturas citoplasmáticas. (Adaptado de CÉSAR & SEZAR, Biologia. São Paulo: Saraiva, vol 1, 1995.) Com base nas

Leia mais

> ESTUDO DO RNA. (C) O ácido nucléico I é DNA e o II, RNA. (D) O ácido nucléico I é RNA e o II, DNA. (E) I é exclusivo dos seres procariontes.

> ESTUDO DO RNA. (C) O ácido nucléico I é DNA e o II, RNA. (D) O ácido nucléico I é RNA e o II, DNA. (E) I é exclusivo dos seres procariontes. Biologia > Citologia > Sintese Protéica > Alunos Prof. Zell (biologia) (C) O ácido nucléico I é DNA e o II, RNA. (D) O ácido nucléico I é RNA e o II, DNA. (E) I é exclusivo dos seres procariontes. > ESTUDO

Leia mais

BANCO DE QUESTÕES - BIOLOGIA - 1ª SÉRIE - ENSINO MÉDIO ==============================================================================================

BANCO DE QUESTÕES - BIOLOGIA - 1ª SÉRIE - ENSINO MÉDIO ============================================================================================== PROFESSOR: Leonardo Mariscal BANCO DE QUESTÕES - BIOLOGIA - 1ª SÉRIE - ENSINO MÉDIO ============================================================================================== Assunto: Organelas citoplasmáticas

Leia mais

Questão 1. Questão 2. Resposta

Questão 1. Questão 2. Resposta Questão 1 O gráfico mostra os níveis de glicose medidos no sangue de duas pessoas, sendo uma saudável e outra com diabetes melito, imediatamente após uma refeição e nas cinco horas seguintes. Essa substância

Leia mais

BIOLOGIA COMENTÁRIO DA PROVA DE BIOLOGIA

BIOLOGIA COMENTÁRIO DA PROVA DE BIOLOGIA COMENTÁRIO DA PROVA DE BIOLOGIA A prova aplicada pela UFPR 2012 apresentou boa distribuição das diferentes áreas do conhecimento biológico. As questões exigiram que o candidato apresentasse organização

Leia mais

Introdução à Biologia Celular e Molecular. Profa. Luciana F. Krause

Introdução à Biologia Celular e Molecular. Profa. Luciana F. Krause Introdução à Biologia Celular e Molecular Profa. Luciana F. Krause Níveis de organização Desenvolvimento da Teoria Celular Século XVII desenvolvimento das lentes ópticas Robert Hooke (1665) células (cortiça)

Leia mais

Atividades sobre Células-tronco, transgênicos e clonagem

Atividades sobre Células-tronco, transgênicos e clonagem CURSO TÉCNICO EM BIOTECNOLOGIA SUBSEQUENTE Aluno(a): Módulo: I Data: Professor(a): Fábio Zanella Comp. Curricular: Genética Aplicada CÉLULAS-TRONCO Atividades sobre Células-tronco, transgênicos e clonagem

Leia mais

Prof.: Ramon L. O. Junior 1

Prof.: Ramon L. O. Junior 1 CURSO: ENGENHARIA AMBIENTAL DISCIPLINA: BIOLOGIA UNIDADE II NOÇÕES DE MORFOLOGIA E FISIOLOGIA CELULAR Prof.: Ramon Lamar de Oliveira Junior TIPOS CELULARES CÉLULA PROCARIOTA X 1 a 2 micrômetros (mm) Ausência

Leia mais

A DESCOBERTA DA CÉLULA VIVA

A DESCOBERTA DA CÉLULA VIVA A DESCOBERTA DA CÉLULA VIVA O mundo microscópico A quase 400 anos... No início, o instrumento era considerado um brinquedo, que possibilitava a observação de pequenos objetos. Zacharias Jansen e um microscópio

Leia mais

Vestibular UFPR 2014/2015

Vestibular UFPR 2014/2015 UFPR 2014 2015 BIOLOGIA 01. Em seu ciclo de vida, invertebrados marinhos podem apresentar desenvolvimento direto ou indireto, no segundo caso produzindo larvas que fazem parte do plâncton. No Hemisfério

Leia mais

BIOLOGIA CELULAR Células Procariontes Eucariontes (animal e vegetal)

BIOLOGIA CELULAR Células Procariontes Eucariontes (animal e vegetal) BIOLOGIA CELULAR Células Procariontes Eucariontes (animal e vegetal) Thiago Campos Monteiro UFMS / CPCS Créditos: Prof a Elisângela de Souza Loureiro Tamanho das células Existem células de vários tamanhos.

Leia mais

ORGANELAS CITOPLASMÁTICAS. Prof. Emerson

ORGANELAS CITOPLASMÁTICAS. Prof. Emerson ORGANELAS CITOPLASMÁTICAS Prof. Emerson Algumas considerações importantes: Apesar da diversidade, algumas células compartilham ao menos três características: São dotadas de membrana plasmática; Contêm

Leia mais

Biologia CITOLOGIA - UNICAMP - VESTIBULARES DE 2016-2010

Biologia CITOLOGIA - UNICAMP - VESTIBULARES DE 2016-2010 1. (Unicamp 2015) O vírus Ebola foi isolado em 1976, após uma epidemia de febre hemorrágica ocorrida em vilas do noroeste do Zaire, perto do rio Ebola. Esse vírus está associado a um quadro de febre hemorrágica

Leia mais

Os primeiros indícios de que o DNA era o material hereditário surgiram de experiências realizadas com bactérias, sendo estas indicações estendidas

Os primeiros indícios de que o DNA era o material hereditário surgiram de experiências realizadas com bactérias, sendo estas indicações estendidas GENERALIDADES Todo ser vivo consiste de células, nas quais está situado o material hereditário. O número de células de um organismo pode variar de uma a muitos milhões. Estas células podem apresentar-se

Leia mais

Questão 89. Questão 90. Questão 91. alternativa B. alternativa B

Questão 89. Questão 90. Questão 91. alternativa B. alternativa B Questão 89 Qual das alternativas classifica corretamente o vírus HIV, o tronco de uma árvore, a semente de feijão e o plasmódio da malária, quanto à constituição celular? Plasmódio da Vírus Tronco Semente

Leia mais

Genética. Leis de Mendel

Genética. Leis de Mendel Genética Leis de Mendel DEFINIÇÕES GENES: Pedaços de DNA síntese de determinada proteína. LOCUS GÊNICO: É o local ocupado pelo gene no cromossomo. GENES ALELOS: Situam-se no mesmo Locus Gênico. HOMOZIGOTOS:

Leia mais

METABOLISMO ENERGÉTICO: RESPIRAÇÃO CELULAR E FERMENTAÇÃO

METABOLISMO ENERGÉTICO: RESPIRAÇÃO CELULAR E FERMENTAÇÃO METABOLISMO ENERGÉTICO: RESPIRAÇÃO CELULAR E FERMENTAÇÃO Mitocôndria - Organela em forma de grão ou bastonete. É formada por duas membranas: a mais interna forma uma série de dobras ou septos chamados

Leia mais

3ªsérie B I O L O G I A

3ªsérie B I O L O G I A 3.1 QUESTÃO 1 Três consumidores, A, B e C, compraram, cada um deles, uma bebida em embalagem longa vida, adequada às suas respectivas dietas. As tabelas abaixo trazem informações nutricionais sobre cada

Leia mais

BIOLOGIA GENÉTICA PROF ESTEVAM

BIOLOGIA GENÉTICA PROF ESTEVAM BIOLOGIA GENÉTICA PROF ESTEVAM 1) (FUVEST) Dois genes alelos atuam na determinação da cor das sementes de uma planta: A, dominante, determina a cor púrpura e a, recessivo, determina cor amarela. A tabela

Leia mais

O QUE SÃO SUBSTÂNCIAS INORGÂNICAS? QUAL A FUNÇÃO BIOLÓGICA DE CADA UMA?

O QUE SÃO SUBSTÂNCIAS INORGÂNICAS? QUAL A FUNÇÃO BIOLÓGICA DE CADA UMA? O QUE SÃO SUBSTÂNCIAS ORGÂNICAS? O QUE SÃO SUBSTÂNCIAS INORGÂNICAS? QUAL A FUNÇÃO BIOLÓGICA DE CADA UMA? SUBSTÂNCIAS ORGÂNICAS: CARBONO, HIDROGÊNIO, OXIGÊNIO E NITROGÊNIO FORMAM CADEIAS LONGAS E COMPLEXAS

Leia mais

CÉLULA - TRONCO. São células com capacidade de autorenovação,eficiente

CÉLULA - TRONCO. São células com capacidade de autorenovação,eficiente CÉLULA - TRONCO São células com capacidade de autorenovação,eficiente proliferação, gerando células-filhas com as mesmas características fenotípicas da célula precursora e, ainda, com habilidade de gerar

Leia mais

Exercícios de Monera e Principais Bacterioses

Exercícios de Monera e Principais Bacterioses Exercícios de Monera e Principais Bacterioses 1. (Fuvest) O organismo A é um parasita intracelular constituído por uma cápsula protéica que envolve a molécula de ácido nucléico. O organismo B tem uma membrana

Leia mais

Lista de Exercícios Herança Sexual

Lista de Exercícios Herança Sexual Meus queridos alunos, preparei para vocês uma lista de atividades abordando o conteúdo estudado por nós esta semana. Espero que vocês aproveitem o final de semana para resolver esses exercícios segundo

Leia mais

PLANEJAMENTO ANUAL / TRIMESTRAL 2014 Conteúdos Habilidades Avaliação

PLANEJAMENTO ANUAL / TRIMESTRAL 2014 Conteúdos Habilidades Avaliação COLÉGIO LA SALLE BRASÍLIA SGAS Q. 906 Conj. E C.P. 320 Fone: (061) 3443-7878 CEP: 70390-060 - BRASÍLIA - DISTRITO FEDERAL Disciplina: Biologia Trimestre: 1º Professor(a): Camilla Silva (B1) e Elisangela

Leia mais

3º trimestre- LISTA DE EXERCICIOS - Biologia - CESINHA Ensino Médio 1º ano classe: Prof. Cesinha Nome: nº

3º trimestre- LISTA DE EXERCICIOS - Biologia - CESINHA Ensino Médio 1º ano classe: Prof. Cesinha Nome: nº . 3º trimestre- LISTA DE EXERCICIOS - Biologia - CESINHA Ensino Médio 1º ano classe: Prof. Cesinha Nome: nº Valor: 10 Nota:. 1. (Uel 2015) Leia o texto a seguir. Quando se fala em divisão celular, não

Leia mais

Concurso Especial de Acesso e Ingresso no Ensino Superior para maiores de 23

Concurso Especial de Acesso e Ingresso no Ensino Superior para maiores de 23 Concurso Especial de Acesso e Ingresso no Ensino Superior para maiores de 23 Prova Modelo de Biologia NOME Nas perguntas de escolha múltipla rodeie com um círculo a resposta que considera correcta (respostas

Leia mais

Exercícios para Prova 1 de Biologia 1 Trimestre

Exercícios para Prova 1 de Biologia 1 Trimestre Exercícios para Prova 1 de Biologia 1 Trimestre Pessoal a matéria da prova de Biologia é dos Módulos 1 a 5 (Edgard) e Módulo 1 (Ricardo). Parte I O Gabarito está na última folha. 1. Ordene as categorias

Leia mais

As bactérias operárias

As bactérias operárias A U A UL LA As bactérias operárias Na Aula 47 você viu a importância da insulina no nosso corpo e, na Aula 48, aprendeu como as células de nosso organismo produzem insulina e outras proteínas. As pessoas

Leia mais

O esquema representa uma provável filogenia dos Deuterostomados. Assinale a opção que apresenta CORRETAMENTE as características I, II, III e IV.

O esquema representa uma provável filogenia dos Deuterostomados. Assinale a opção que apresenta CORRETAMENTE as características I, II, III e IV. 1 PROVA DE BIOLOGIA I QUESTÃO 31 O esquema representa uma provável filogenia dos Deuterostomados. Assinale a opção que apresenta CORRETAMENTE as características I, II, III e IV. I II III IV a) Coluna vertebral

Leia mais

Questão 1. Questão 2. Resposta. Resposta

Questão 1. Questão 2. Resposta. Resposta Questão 1 Os esquemas representam três rotas metabólicas possíveis, pelas quais a glicose é utilizada como fonte de energia. a) Quais rotas ocorrem em ambiente totalmente anaeróbico? b) Cite dois grupos

Leia mais