Saiba mais sobre Finanças

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Saiba mais sobre Finanças"

Transcrição

1 Saiba mais sobre Finanças Planejamento Previdenciário, Benefício Fiscal, 4Aposentadoria e Institutos

2

3 Sumário Que estilo de vida você quer levar quando se aposentar?... 4 Iniciando o planejamento... 5 Reveja sua estratégia regularmente... 6 Quais são os benefícios fiscais?... 7 Tabela progressiva e tabela regressiva... 8 Saiba mais sobre os institutos previdenciários Conteúdo elaborado pela equipe de produção de texto do Futuro da Gente

4 Você sabe que estilo de vida quer levar quando se aposentar? De acordo com especialistas, é essencial ter a resposta na ponta da língua. Pode não parecer, mas o tempo passa rápido demais. Por isso, o planejamento da aposentadoria deve ser realizado o quanto antes. Durante a juventude, precisamos nos organizar não só para pagar a educação dos filhos e as despesas do dia a dia, mas também para reservar dinheiro suficiente para manter o mesmo padrão financeiro após iniciar a aposentadoria. A princípio presume-se que o trabalhador, ao se aposentar, tenha menos gastos. Isso ajuda a amenizar a diferença entre o salário e o valor recebido na melhor idade, mas ainda assim existem alguns quesitos que pesam na renda mensal, como o plano de saúde. É complicado avaliar quanto cada um irá gastar, mas é preciso saber que assistência médica é algo muito caro e a pessoa deve ter isso em mente de forma clara. Para iniciar o planejamento da aposentadoria, é essencial fazer algumas perguntas básicas a si mesmo, como por exemplo: Você vai querer descansar, estudar, viajar ou abrir um negócio? Onde você quer morar? Quer manter algum seguro privado? Vai dedicar tempo à família ou a um hobby? As respostas são fundamentais para determinar o valor de contribuição. 4

5 Iniciando o planejamento Não importa a idade: quanto antes você começar a se preparar para a aposentadoria, melhor. O primeiro passo para elaborar um bom plano é colocar no papel quais serão as despesas que se imagina ter nessa fase. É preciso estimar também quanto é preciso acumular até a idade que a pessoa pretende se aposentar. O ideal, segundo especialistas, é ter na aposentadoria 70% do rendimento que se tinha no período laboral. O importante é saber que o planejamento deve começar cedo, pois quanto maior o tempo de investimento, maior será o benefício ao final do período de trabalho. Veja algumas dicas simples para começar a aplicar no seu dia a dia: Para começar, é importante definir quando você deseja aposentar; Faça, ainda, uma previsão da renda mensal necessária nessa etapa de vida. Uma vez definida a sua meta de renda, é hora de calcular como irá alcançar esse objetivo. Com base na sua data de aposentadoria, estime quanto tempo ainda tem para acumular esse patrimônio; Traduza isso em termos de poupança mensal. Comece o quanto antes e seja regular. Com base nas informações levantadas ao longo de todo esse processo, é hora de arregaçar as mangas. Se você perceber que não conseguirá poupar o suficiente para juntar o patrimônio almejado, reavalie seus planos. Provavelmente você terá que adiar a aposentadoria; Ao fazer a reavaliação, considere se vale a pena manter o mesmo estilo de vida ou se, alternativamente, não seria melhor cortar gastos hoje de forma a poder se aposentar na data planejada. 5

6 Reveja sua estratégia regularmente Se você não está satisfeito com a expectativa de renda que vai ter ao se aposentar, está na hora de rever seu planejamento e a relação com o consumo no presente, para ter um benefício melhor e mais tranquilidade para aproveitar uma nova fase em sua vida. Afinal, pense que depois do período laboral é a sua aposentadoria que poderá manter seu poder aquisitivo por muitos anos. Um dos melhores exemplos de como redirecionar seu planejamento é reservar uma fatia das férias, do 13º salário ou de alguma renda extra, que antes era gasta com consumo imediatista, para contribuir no seu plano de previdência. Ou mesmo se organizar para eliminar gastos desnecessários e passar a investir esses recursos mensalmente para sua aposentadoria, com as contribuições voluntárias. Não perca de vista seu planejamento. De tempos em tempos, faça uma reavaliação. Veja se os objetivos estão sendo alcançados ou se é preciso alterar a estratégia. Em caso de aumento de salário, o ideal é reajustar o valor de contribuição no plano de previdência. Até mesmo quem contribui com um percentual do salário deve reconsiderar a possibilidade de aumentar um pouco esse percentual hoje para ter mais tranquilidade no futuro. Ainda que a meta seja a mesma, os objetivos da poupança devem ser atualizados para refletir seu padrão de vida. 6

7 Quais são os benefícios fiscais? Participantes de planos de previdência complementar que fazem a declaração completa de imposto de renda podem deduzir suas contribuições anuais - tendo, assim, benefício a partir da contribuição. Atenção: o valor é limitado a 12% da renda bruta anual!! Aproveitar esse benefício é vantajoso tanto no presente quanto no futuro. Dessa forma, o participante acaba pagando menos imposto ou recebendo uma restituição de IR mais encorpada no ano seguinte. No futuro, o benefício se traduz em um saldo de reserva maior e, consequentemente, em um benefício complementar ao INSS igualmente maior. Vale lembrar que a Declaração Simplificada não oferece este incentivo. 7

8 Tabela progressiva e tabela regressiva Desde 2005, os participantes de planos de previdência devem tomar uma decisão importante: optar pela tabela progressiva ou regressiva de tributação. Essa definição é necessária tanto nos fundos de pensão quanto nos planos de previdência privada, ou seja, nos planos VGBL ou PGBL. Essa escolha precisa ser consciente, pois é definitiva e irretratável. Afinal, você sabe a diferença entre as duas opções? O regime progressivo debita um percentual de imposto de acordo com o valor acumulado. É importante lembrar que um plano de previdência corresponde a um planejamento de longo prazo, ou seja, é raro que o valor do resgate seja correspondente a percentuais menores, já que quantias a partir de R$ 4.271,59 já são tributadas com alíquota de 27,5%, como mostra a tabela a seguir: Base de cálculo mensal em R$ Até 1.710,78 De 1.710,79 até 2.563,91 De 2.563,92 até 3.418,59 De 3.418,60 até 4.271,59 Acima de 4.271,59 Alíquota - 7,5% 15% 22,5% 27,5% 8

9 E quanto à tabela regressiva? Por outro lado, a tabela regressiva, apesar de cobrar percentuais maiores nos primeiros anos, cobra alíquotas menores nas contribuições mais antigas. Em outras palavras, ela é a mais adequada para quem pensa no longo prazo, como o participante que planeja a própria aposentadoria. Nesse regime de tributação quanto maior o tempo em que o dinheiro for investido, menor será o percentual de imposto. Veja a tabela: Prazo de acumução de recursos Alíquota Até 2 anos 35% De 2 a 4 anos 30% De 4 a 6 anos 25% De 6 a 8 anos 20% De 8 a 10 anos 15% Acima de 10 anos 10%! Atenção: esses percentuais mostrados na tabela regressiva não indicam que o participante pode pegar o seu saldo acumulado, olhar na tabela o seu tempo de contribuição e ver a alíquota que incidirá sobre o valor total. Esse cálculo é mais complexo: as contribuições feitas há mais de 10 anos, por exemplo, serão tributadas em 10%, enquanto aquelas mais recentes, feitas nos últimos dois anos, receberão a alíquota de 35%. Serão cobrados percentuais diferentes de alíquotas, de acordo com o período de cada contribuição. 9

10 Saiba mais sobre os institutos previdenciários Quando o participante de um fundo de pensão se desliga da empresa patrocinadora, ele tem alternativas asseguradas por lei que garantem opções distintas de recebimento ou manutenção do seu investimento. Esses benefícios, conhecidos como institutos previdenciários, são garantidos pela Lei Complementar Nº 109, de 29 de maio de Em outras palavras, o participante conta com a segurança de fazer um bom investimento, mesmo que futuramente tome a decisão de sair da empresa. Conheça os institutos previdenciários e os seus benefícios: Autopatrocínio O autopatrocínio representa um diferencial para quem está se desligando da empresa patrocinadora. Esse instituto consiste no fato de o participante patrocinar por conta própria todas as contribuições em seu plano de previdência. Ou seja, ele deixa de contar com o benefício de ter a contribuição mensal da patrocinadora (benefício da paridade) em seu plano de previdência e passa a ser o seu único patrocinador. Entre as vantagens de permanecer no plano está a perspectiva de maior rentabilidade em relação a planos privados e a segurança de poder contar com a solidez de um fundo de pensão, vinculado a uma empresa séria e menos vulnerável às intempéries do mercado financeiro. Benefício Proporcional Diferido Esse instituto propicia ao participante desligado da patrocinadora a oportunidade de manter o seu saldo total de reserva, até que tenha o direito de requerer a sua aposentadoria, de acordo com o regulamento do plano de previdência. A oportunidade de receber, em momento futuro, o total acumulado referente tanto às contribuições pessoais quanto às contribuições da Patrocinadora está entre as vantagens desta opção. O participante que fez a opção pela tabela regressiva de imposto de renda pode ver a redução da alíquota ao longo do tempo, até chegar a um patamar menos expressivo no momento de requerer a aposentadoria. 10

11 Portabilidade A portabilidade permite ao participante transferir a sua reserva acumulada para outro plano de previdência de seu interesse, sem incidência de impostos. As únicas regras que precisam ser respeitadas são o próprio regulamento do plano. O trabalhador, neste caso, tem a facilidade de portar o seu saldo de reserva para outro plano de previdência que ofereça mais vantagens. Essa transferência é feita sem incidência de Imposto de Renda. O participante que conta com o privilégio de ter o apoio de uma instituição ou empresa que contribui mensalmente em seu plano de previdência deve ter em mente que o benefício da paridade não será encontrado em qualquer outro plano. Resgate Esse instituto proporciona a oportunidade de resgatar o saldo de conta acumulado ao desligar-se da empresa. Neste resgate, há incidência de imposto de renda, de acordo com a tabela escolhida (progressiva ou regressiva) e o tempo de plano. Cada plano de previdência possui regras específicas para esse resgate. Na maioria dos casos, a opção mais vantajosa é fazer a portabilidade ou manter o autopatrocínio, em função das vantagens fiscais. Afinal, IR incide sobre o montante total acumulado, enquanto a portabilidade é isenta de imposto. Em todos os casos, o que não vale é ficar sem fazer o plano de previdência e lá na frente observar que o tempo é curto para fazer uma reserva para complementar a aposentadoria do INSS.! Fique ligado e lembre-se: é fundamental conhecer as regras do seu plano de previdência e as carências de cada Plano Previdenciário. 11

12

Folheto explicativo PLANO A

Folheto explicativo PLANO A Folheto explicativo PLANO A Como está o seu planejamento para a aposentadoria? Você já parou para pensar que a vida está passando rápido demais? A gente sabe que ao longo dos anos muitas prioridades surgem

Leia mais

Folheto explicativo PLANO D

Folheto explicativo PLANO D Folheto explicativo PLANO D Como está o seu planejamento para a aposentadoria? Plano D Previ Novartis Veja algumas vantagens do plano: 1 2 Flexibilidade para planejar o seu futuro; Contrapartida da empresa

Leia mais

Cartilha de Tributação 2016

Cartilha de Tributação 2016 Cartilha de Tributação 2016 Como funciona o Imposto de Renda incidente sobre Planos de Previdência Complementar *? * Na modalidade de Contribuição Definida ou Variável Conforme a legislação tributária

Leia mais

Novo Plano de Contribuição Definida -CD

Novo Plano de Contribuição Definida -CD Previ-Siemens Novo Plano de Contribuição Definida -CD Protection notice / Copyright notice Agenda A Importância de um plano de previdência Plano de Aposentadoria CD -Previ-Siemens Contribuições Procedimentos

Leia mais

CARTILHA DO PLANO DE BENEFÍCIOS

CARTILHA DO PLANO DE BENEFÍCIOS CARTILHA DO PLANO DE BENEFÍCIOS Esta cartilha traz informações e dicas, de forma simples e clara, para que você conheça as vantagens que o seu plano de previdência oferece. Leia com atenção e comece a

Leia mais

Adesão ao Plano de Benefícios HP

Adesão ao Plano de Benefícios HP Adesão ao Plano de Benefícios HP 1 Objetivo da HP Prev Proporcionar aos seus participantes a oportunidade de contribuir para a HP Prev e, juntamente com as contribuições da patrocinadora, formar uma renda

Leia mais

Material Explicativo

Material Explicativo Material Explicativo Material Explicativo Índice Introdução...4 Sobre o Plano Previplan...5 Adesão...5 Benefícios do Plano...6 Entenda o Plano...7 Rentabilidade...8 Veja como funciona a Tributação...9

Leia mais

CARTILHA EXPLICATIVA DATUSPREV

CARTILHA EXPLICATIVA DATUSPREV CARTILHA EXPLICATIVA DATUSPREV DATUSPREV Sociedade de Previdência Complementar CIASC Plano CIASCPREV CNPJ 10.605.283/0001-59 CNPB 2009.0009-19 Órgão Regulamentador PREVIC Ministério da Previdência Social

Leia mais

Previdência Privada. A tabela a seguir apresenta algumas diferenças entre o FAPI e PGBL.

Previdência Privada. A tabela a seguir apresenta algumas diferenças entre o FAPI e PGBL. Previdência Privada Modalidades de Previdência Privada Aberta 1) FAPI Fundo de Aposentadoria Programada Individual Inspirado no IRA Individual Retirement Account, dos Estados Unidos, onde o contribuinte

Leia mais

PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR

PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR Introdução - Entenda o Conceito da Previdência Complementar PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR - Você precisa O que é Previdência complementar pode ser definida como o patrimônio que irá garantir uma vida digna

Leia mais

REGIUS SOCIEDADE CIVIL DE PREVIDÊNCIA PRIVADA

REGIUS SOCIEDADE CIVIL DE PREVIDÊNCIA PRIVADA 1/5 Plano de Benefícios CD-02 Cuidar do seu futuro é o nosso negócio! 2/5 1 Por que foi criado o Plano CD-02? O Plano CD-02 foi desenhado no modelo de Contribuição Definida, um plano totalmente individual,

Leia mais

CARTILHA DA PORTABILIDADE. - Visão Prev -

CARTILHA DA PORTABILIDADE. - Visão Prev - CARTILHA DA PORTABILIDADE - - CARTILHA DA PORTABILIDADE Tome uma decisão consciente entenda, conheça e analise todos os fatores envolvidos em um processo de portabilidade. Após o encerramento de seu vínculo

Leia mais

1.2 Quem pode votar? É obrigatório? Podem votar os Participantes da FUNCEF, inclusive aposentados e pensionistas. O voto não é obrigatório.

1.2 Quem pode votar? É obrigatório? Podem votar os Participantes da FUNCEF, inclusive aposentados e pensionistas. O voto não é obrigatório. 1 O PLEBISCITO 1.1 Para que serve este Plebiscito? Consultar a opinião dos Participantes sobre as alternativas de solução para os planos de benefícios da FUNCEF, com saldamento do REG/REPLAN e implementação

Leia mais

Saiba mais sobre Finanças

Saiba mais sobre Finanças Saiba mais sobre Finanças 3Previdência Sumário O que fazer com minha árvore?... 4 Ciclo de crescimento das árvores... 6 Garantindo a qualidade dos frutos... 8 A colheita... 10 Na sombra da sua árvore...

Leia mais

Material Explicativo

Material Explicativo Material Explicativo ABBprev Sociedade de Previdência Privada Este material explicativo tem como objetivo fornecer informações sobre um dos benefícios que as patrocinadoras ABB Ltda e Cooperativa de Crédito

Leia mais

Entretanto, este benefício se restringe a um teto de 12% da renda total tributável. O plano VGBL é vantajoso em relação ao PGBL para quem:

Entretanto, este benefício se restringe a um teto de 12% da renda total tributável. O plano VGBL é vantajoso em relação ao PGBL para quem: 2 1 3 4 2 PGBL ou VGBL? O plano PGBL, dentre outras, tem a vantagem do benefício fiscal, que é dado a quem tem renda tributável, contribui para INSS (ou regime próprio ou já aposentado) e declara no modelo

Leia mais

CARTILHA DO PARTICIPANTE. O OABPREV/RS é uma Entidade Fechada de Previdência Complementar, criada para administrar planos de previdência.

CARTILHA DO PARTICIPANTE. O OABPREV/RS é uma Entidade Fechada de Previdência Complementar, criada para administrar planos de previdência. O que é o OABPREV/RS? CARTILHA DO PARTICIPANTE O OABPREV/RS é uma Entidade Fechada de Previdência Complementar, criada para administrar planos de previdência. Quem instituiu o OABPREV/RS? A Ordem dos Advogados

Leia mais

PLANO DE APOSENTADORIA DA DUPREV Fazendo manutenção no seu Plano de Aposentadoria

PLANO DE APOSENTADORIA DA DUPREV Fazendo manutenção no seu Plano de Aposentadoria PLANO DE APOSENTADORIA DA DUPREV Fazendo manutenção no seu Plano de Aposentadoria 2016 DUPREV Entidade Fechada da Previdência Complementar Sociedade Civil sem fins lucrativos independente da DuPont Regulada

Leia mais

Gestão de Finanças Pessoais. Suzy Sukie Maia Barroso Silva Fábio Augusto Guimarães Teixeira

Gestão de Finanças Pessoais. Suzy Sukie Maia Barroso Silva Fábio Augusto Guimarães Teixeira Gestão de Finanças Pessoais Suzy Sukie Maia Barroso Silva Fábio Augusto Guimarães Teixeira AVISO Apresentação disponibilizada pelo Banco Central do Brasil para ações de educação financeira alinhadas às

Leia mais

02 O que eu preciso fazer

02 O que eu preciso fazer 01 Quais são os documentos que necessito apresentar para requerer minha aposentadoria no FusanPrev e atualizar minha situação no SaneSaúde? Cópia simples dos seguintes documentos: - Identidade e CPF do

Leia mais

Guia do Participante. Planos Básico e Suplementar de Aposentadoria Modalidade Contribuição Definida

Guia do Participante. Planos Básico e Suplementar de Aposentadoria Modalidade Contribuição Definida Planos Básico e Suplementar de Aposentadoria Modalidade Contribuição Definida Prezado Colaborador, O Guia do Participante tem por objetivo resumir as informações dos seguintes regulamentos oficiais: Regulamento

Leia mais

Educação Financeira e Previdenciária 03 INVESTIMENTOS

Educação Financeira e Previdenciária 03 INVESTIMENTOS Educação Financeira e Previdenciária 03 INVESTIMENTOS Novembro de 2015 Educação Financeira e Previdenciária Saiba o que considerar HORA DE INVESTIR? Além de poupar para a realização dos seus sonhos, sejam

Leia mais

O PLANEJAMENTO DO BRASILEIRO PARA A APOSENTADORIA

O PLANEJAMENTO DO BRASILEIRO PARA A APOSENTADORIA O PLANEJAMENTO DO BRASILEIRO PARA A APOSENTADORIA Julho 2016 Formas de preparo do brasileiro para aposentadoria: 74,1% INSS pela empresa que trabalha ou de forma autônoma Poupança Imóveis 19,2% 31,1% 6,2%

Leia mais

CARTILHA DO PLANO CELPREV

CARTILHA DO PLANO CELPREV CARTILHA DO PLANO CELPREV O QUE É O CELPREV? O CELPREV é um plano de contribuição definida, também conhecido como plano CD, que nada mais é do que uma poupança individual na qual serão investidos dois

Leia mais

Guia do Participante. Planos Básico e Suplementar de Aposentadoria Modalidade Contribuição Definida

Guia do Participante. Planos Básico e Suplementar de Aposentadoria Modalidade Contribuição Definida Guia do Participante Planos Básico e Suplementar de Aposentadoria Modalidade Contribuição Definida Prezado Colaborador, O Guia do Participante tem por objetivo resumir as informações dos seguintes Regulamentos

Leia mais

Carteira de investimentos bate a marca de R$ 401 bilhões, alta de 12,14% frente a junho de 2013

Carteira de investimentos bate a marca de R$ 401 bilhões, alta de 12,14% frente a junho de 2013 Previdência complementar aberta arrecada R$ 7,4 bilhões em junho e cresce 42,1% frente ao mesmo mês do ano anterior. No acumulado do semestre, captação tem ritmo menor que em 2013. Carteira de investimentos

Leia mais

2º Semestre de

2º Semestre de 1 2 2º Semestre de 2010 Informações sobre a nova estrutura do Plano de Benefícios PreviSenac 3 Introdução: Este folheto é destinado aos participantes do Plano de Benefícios PreviSenac que, até a data da

Leia mais

Material Explicativo. Plano de Contribuição Definida

Material Explicativo. Plano de Contribuição Definida Material Explicativo Plano de Contribuição Definida Material Explicativo - Plano de Contribuição Definida 2 Índice Mensagem ao colaborador...5 Por que planejar sua aposentadoria?...5 Conte com a Previ-Ericsson...6

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA SEJAM BEM VINDAS!

ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA SEJAM BEM VINDAS! Treinamento on line ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA SEJAM BEM VINDAS! Janaina Lima DIRETORA F. Executiva Sucesso Gestão Gestão Financeira do Seu Negócio Mary Kay A parte mais importante do planejamento financeiro

Leia mais

APOSENTADORIA PROGRAMADA SERPROS ESCLARECE

APOSENTADORIA PROGRAMADA SERPROS ESCLARECE APOSENTADORIA PROGRAMADA SERPROS ESCLARECE APRESENTAÇÃO A previdência complementar tem como objetivo proporcionar ao empregado aposentado um padrão de vida próximo ao da sua fase laborativa. Os participantes

Leia mais

Material Explicativo 1

Material Explicativo 1 Material Explicativo 1 quem está seguro, tem futuro. quem é PORTO, é seguro. GARANTIR UM FUTURO MAIS TRANQUILO É O DESEJO DE TODOS. AGORA, POUPAR FICOU MUITO MAIS FÁCIL PARA VOCÊ. Este manual se destina

Leia mais

Educação Financeira para empreendedores e sua importância.

Educação Financeira para empreendedores e sua importância. Finanças Pessoais $ Educação Financeira para empreendedores e sua importância. Por meio da Educação Financeira você poderá planejar o seu negócio a curto, médio e longo prazo, sendo capaz de visualizar

Leia mais

CARTILHA EXPLICATIVA

CARTILHA EXPLICATIVA CARTILHA EXPLICATIVA DATUSPREV Sociedade de Previdência Complementar CIASC Plano CIASCPREV CNPJ 10.605.283/0001-59 CNPB 2009.0009-19 Órgão Regulamentador PREVIC Ministério da Previdência Social CORPO ADMINISTRATIVO

Leia mais

Sumário DEFINIÇÕES 05

Sumário DEFINIÇÕES 05 Sumário INTRODUÇÃO 04 DEFINIÇÕES 05 1. O que é um plano de previdência complementar? 05 2. O que é um Fundo de Pensão? 05 3. O que é a SÃO FRANCISCO? 05 4. O que é o Codeprev? 05 5. Quais são as modalidades

Leia mais

PLANO DE BENEFÍCIOS PORTOPREV COMPARATIVO PLANO DE BENEFÍCIOS PORTOPREV II

PLANO DE BENEFÍCIOS PORTOPREV COMPARATIVO PLANO DE BENEFÍCIOS PORTOPREV II PLANO DE BENEFÍCIOS PORTOPREV COMPARATIVO PLANO DE BENEFÍCIOS PORTOPREV II MIGRAR OU NÃO, EIS A QUESTÃO! Conheça as principais diferenças entre o Plano de Benefícios PORTOPREV (Plano I) e o Plano de Benefícios

Leia mais

PERGUNTAS E RESPOSTAS PLANO DE CONTRIBUIÇÃO DEFINIDA DA FPI

PERGUNTAS E RESPOSTAS PLANO DE CONTRIBUIÇÃO DEFINIDA DA FPI PERGUNTAS E RESPOSTAS PLANO DE CONTRIBUIÇÃO DEFINIDA DA FPI Válido para participantes que ingressaram no plano até 05/08/2008 1. O que é o Plano de Contribuição Definida? É o seu plano de benefícios na

Leia mais

APRESENTAÇÃO. Em caso de dúvidas, contate os canais de comunicação que a BASF Sociedade de Previdência Complementar disponibiliza a você.

APRESENTAÇÃO. Em caso de dúvidas, contate os canais de comunicação que a BASF Sociedade de Previdência Complementar disponibiliza a você. APRESENTAÇÃO O Plano de Aposentadoria BASF é uma ferramenta importante de planejamento financeiro para o futuro. A iniciativa da BASF em proporcionar um plano dessa natureza aos seus colaboradores demonstra

Leia mais

a redução vai afetar o seu plano

a redução vai afetar o seu plano Como a redução da taxa de juros da meta atuarial vai afetar o seu plano Novos tempos O crescimento econômico vivido pelo Brasil nos últimos anos levou o país a reduzir as suas taxas de juros. Essa tendência

Leia mais

Captação líquida dos planos de previdência privada avança 287,03% em outubro frente ao mês anterior

Captação líquida dos planos de previdência privada avança 287,03% em outubro frente ao mês anterior Captação líquida dos planos de previdência privada avança 287,03% em outubro frente ao mês anterior Ingresso de recursos no sistema tem alta de 8,05% e chega a R$ 6,8 bilhões no mês Prosseguindo tendência

Leia mais

Economia para Engenharia. Prof. Fernando Deschamps

Economia para Engenharia. Prof. Fernando Deschamps Economia para Engenharia Prof. Fernando Deschamps fernando.deschamps@ufpr.br Problema Quanto você deve poupar mensalmente para que você possa ter uma aposentadoria de R$10.000,00 pelo resto de sua vida,

Leia mais

Manual do Aposentado e Pensionista EBC Prev. Plano de Benefícios da EBC Empresa Brasil de Comunicação

Manual do Aposentado e Pensionista EBC Prev. Plano de Benefícios da EBC Empresa Brasil de Comunicação Manual do Aposentado e Pensionista Prev Plano de Benefícios da Empresa Brasil de Comunicação SUMÁRIO Qual é o significado de Aposentado e Pensionista?...3 Quando é realizado o pagamento das parcelas do

Leia mais

Informativo Eletrônico

Informativo Eletrônico Desde a promulgação da Lei Complementar 109, em 29 de maio de 2001, todas as entidades fechadas de previdência complementar vêm aguardando a referida Resolução, que dispõe sobre os institutos da Portabilidade,

Leia mais

Valor máximo: R$ 4.663,75 (2015) Benefícios variáveis, dependendo do valor acumulado pelo servidor

Valor máximo: R$ 4.663,75 (2015) Benefícios variáveis, dependendo do valor acumulado pelo servidor Valor máximo: R$ 4.663,75 (2015) Benefícios variáveis, dependendo do valor acumulado pelo servidor De servidor para servidor Conhecemos o dia a dia de quem trabalha para mover o estado mais importante

Leia mais

O novo modelo de previdência do setor público. Outubro/2013

O novo modelo de previdência do setor público. Outubro/2013 O novo modelo de previdência do setor público Outubro/2013 MODELO ADOTADO PREVIDÊNCIA BÁSICA SPPREV ou INSS + PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR Benefícios variáveis, dependendo do valor acumulado pelo servidor

Leia mais

Destinação do Superávit do Plano II Perguntas e Respostas

Destinação do Superávit do Plano II Perguntas e Respostas Destinação do Superávit do Plano II Perguntas e Respostas 1) Qual a origem da destinação do superávit? Resposta: A destinação do superávit se tornou possível, pois o Plano II registrou Reserva Especial

Leia mais

MUTUOPREV ENTIDADE DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR

MUTUOPREV ENTIDADE DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR MUTUOPREV ENTIDADE DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR 1. CONSTITUÍDA NOS TERMOS DA LEI COMPLEMENTAR 109 DE 29.05.2001, SEM FINS LUCRATIVOS, COM AUTONOMIA ADMINISTRATIVA E PERSONALIDADE JURÍDICA DE DIREITO PRIVADO.

Leia mais

10 Melhores Técnicas Em Vendas Para Melhorar Sua Taxa De Conversão

10 Melhores Técnicas Em Vendas Para Melhorar Sua Taxa De Conversão 10 Melhores Técnicas Em Vendas Para Melhorar Sua Taxa De Conversão Com o país passando por uma crise financeira era esperado que as vendas em geral sofressem uma queda brusca. O que pouca gente sabe é

Leia mais

COMPARATIVO DO PLANO PETROS 2 COM O PLANO TRANSPETRO

COMPARATIVO DO PLANO PETROS 2 COM O PLANO TRANSPETRO COMPARATIVO DO PLANO PETROS 2 COM O PLANO TRANSPETRO PLANO PETROS 2 O Plano PETROS 2 é um plano de benefícios estruturado na modalidade Contribuição Variável, onde os benefícios programados são de contribuição

Leia mais

EDUCAÇÃO E PLANEJAMENTO FINANCEIRO. Shandra Aguiar. Coordenadora do Núcleo de Educação do Consumidor- Educon UFC

EDUCAÇÃO E PLANEJAMENTO FINANCEIRO. Shandra Aguiar. Coordenadora do Núcleo de Educação do Consumidor- Educon UFC EDUCAÇÃO E PLANEJAMENTO FINANCEIRO Shandra Aguiar Coordenadora do Núcleo de Educação do Consumidor- Educon UFC PARA PENSAR... Como me vejo em 2022 Como eu vejo a minha vida de aposentada(o) Qual o significado

Leia mais

W W W. G U I A I N V E S T. C O M. B R

W W W. G U I A I N V E S T. C O M. B R OS 7 MAIORES MITOS SOBRE O TESOURO DIRETO W W W. G U I A I N V E S T. C O M. B R Aviso Importante O autor não tem nenhum vínculo com as pessoas, instituições financeiras e produtos, citados, utilizando-os

Leia mais

O melhor da vida é feito em parceria

O melhor da vida é feito em parceria O melhor da vida é feito em parceria O Plano de Benefícios Previdenciários da SICOOB PREVI é uma importante ferramenta de planejamento financeiro para o futuro. A iniciativa de seu empregador em lhe proporcionar

Leia mais

GUIA PARA ELABORAÇÃO DA DECLARAÇÃO DE IR PREVIDÊNCIA

GUIA PARA ELABORAÇÃO DA DECLARAÇÃO DE IR PREVIDÊNCIA Enviamos a todos os clientes que tenham realizado no ano-calendário de 2015 contribuições para o plano de previdência, resgates ou recebido renda de aposentadoria, o INFORME DE RENDIMENTO FINANCEIRO E

Leia mais

Material Explicativo. Plano de Aposentadoria GEBSA-PREV

Material Explicativo. Plano de Aposentadoria GEBSA-PREV Material Explicativo Plano de Aposentadoria GEBSA-PREV 2 GEBSA-PREV O PLANO GEBSA-PREV VAI AJUDAR VOCÊ A CONSTRUIR SEU FUTURO! Preocupada com a tranquilidade e o bem estar de seus funcionários, a GE oferece

Leia mais

Programa de Previdência Complementar ArcelorMittal Brasil. ArcelorMittal Brasil

Programa de Previdência Complementar ArcelorMittal Brasil. ArcelorMittal Brasil Programa de Previdência Complementar ArcelorMittal Brasil ArcelorMittal Brasil 1 Porque ter um Plano de Previdência Complementar? 2 O Novo Programa de Previdência Complementar ArcelorMittal Brasil Conheça

Leia mais

Saldamento do REG/Replan. e Novo Plano

Saldamento do REG/Replan. e Novo Plano Saldamento do REG/Replan e Novo Plano 1 NOVOS CAMINHOS A FUNCEF apresenta duas novidades aos associados: o Saldamento do REG/Replan e o Novo Plano de Benefícios. Neste site, você tem a oportunidade de

Leia mais

Conheça a SP-PReVCoM

Conheça a SP-PReVCoM Conheça a SP-PReVCoM Essa é uma publicação destinada exclusivamente aos servidores públicos do Estado de São Paulo. Distribuição gratuita O conteúdo dessa cartilha é meramente informativo e pode sofrer

Leia mais

FUNDAÇÃO TECHNOS. O presente para o seu futuro

FUNDAÇÃO TECHNOS. O presente para o seu futuro FUNDAÇÃO TECHNOS O presente para o seu futuro ASSUNTOS: - A Previdência no Brasil; - Organograma da Technos; - Vantagens para os funcionários; - Histórico de Rentabilidade; - Controle e Fiscalização; -

Leia mais

Finanças também é coisa de criança!

Finanças também é coisa de criança! PrevEduca n.51-29/02/2016 Finanças também é coisa de criança! A primeira ideia que nos vem à cabeça, quando ouvimos a palavra finanças, é que se trata de uma coisa complicada, que envolve muito dinheiro

Leia mais

VAMOS PLANEJAR... As três palavras mágicas para um bom planejamento financeiro...

VAMOS PLANEJAR... As três palavras mágicas para um bom planejamento financeiro... FASCÍCULO IV VAMOS PLANEJAR... Se você ainda não iniciou seu planejamento financeiro, é importante fazê-lo agora, definindo muito bem seus objetivos, pois, independentemente da sua idade, nunca é cedo

Leia mais

BEM-VINDO AO PLANO SinMed/RJ O Plano SinMed/RJ foi criado em parceria pelo Sindicato dos Médicos do Rio de Janeiro, e pela Petros, para garantir uma r

BEM-VINDO AO PLANO SinMed/RJ O Plano SinMed/RJ foi criado em parceria pelo Sindicato dos Médicos do Rio de Janeiro, e pela Petros, para garantir uma r ÍNDICE BEM-VINDO AO PLANO SinMed/RJ 02 FALANDO A NOSSA LÍNGUA 03 CONHECENDO O PLANO 05 INFORMAÇÕES ADICIONAIS 09 FORMAS DE CONTATO 12 Versão: janeiro 2008 BEM-VINDO AO PLANO SinMed/RJ O Plano SinMed/RJ

Leia mais

PERGUNTAS FREQUENTES PLANO DE BENEFÍCIOS FAF CNPB Nº

PERGUNTAS FREQUENTES PLANO DE BENEFÍCIOS FAF CNPB Nº 1 - Quem pode ingressar no Plano de Benefícios FAF? O Plano de Benefícios está fechado ao ingresso de novos Participantes desde 01.01.2003. 2 - Como são fixadas as contribuições mensais dos Participantes

Leia mais

PLANO DE BENEFÍCIOS DA FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE DO OESTE DE SANTA CATARINA FUNOESC

PLANO DE BENEFÍCIOS DA FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE DO OESTE DE SANTA CATARINA FUNOESC PLANO DE BENEFÍCIOS DA FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE DO OESTE DE SANTA CATARINA FUNOESC SUMÁRIO 1. O plano Unoesc Prev... 4 2. Quem pode ser participante?... 4 3. Quem pode ser beneficiário do participante no

Leia mais

Etapa 1. Etapa 2. Etapa 3. Etapa 4

Etapa 1. Etapa 2. Etapa 3. Etapa 4 São Paulo, 02 de janeiro de 2015 PREZADO (A) PARTICIPANTE DO PLANO III, Conforme já divulgado na Edição nº 10 Dezembro/2014 do nosso Jornal e no site, o Plano III da BRF Previdência passará por mudanças

Leia mais

Regime de Tributação de Imposto de Renda

Regime de Tributação de Imposto de Renda Apresentação O INFRAPREV elaborou esta cartilha com o objetivo de orientar o participante na escolha do regime de tributação quando do ingresso no seu Plano de Contribuição Variável. Com a publicação da

Leia mais

1) O que é um Plano de Previdência Complementar? É um plano cujo objetivo o pagamento de benefícios semelhantes aos pagos pela Previdência Social.

1) O que é um Plano de Previdência Complementar? É um plano cujo objetivo o pagamento de benefícios semelhantes aos pagos pela Previdência Social. Preparamos uma lista com as dúvidas mais comuns a respeito do Plano PREV-ESTAT. Se você ainda precisar de ajuda, ligue para 0800 025 35 45, das 8 às 19h. 1) O que é um Plano de Previdência Complementar?

Leia mais

UWU CONSULTING - O DESAFIO DA PRODUTIVIDADE NA SUA EMPRESA 2

UWU CONSULTING - O DESAFIO DA PRODUTIVIDADE NA SUA EMPRESA 2 UWU CONSULTING - O DESAFIO DA PRODUTIVIDADE NA SUA EMPRESA 2 O DESAFIO DA PRODUTIVIDADE NA SUA EMPRESA COMO MEDI-LA E COMO AUMENTÁ-LA? O relógio do escritório marcava 21h17. Por hoje já chega! pensou Nuno.

Leia mais

PLANO DE APOSENTADORIA SIAS PREVSIAS (CNPB n )

PLANO DE APOSENTADORIA SIAS PREVSIAS (CNPB n ) PLANO DE APOSENTADORIA SIAS PREVSIAS (CNPB n. 2013.0011-18) TEXTO ORIGINAL TEXTO PROPOSTO JUSTIFICATIVA Do Glossário XXVII Resgate : o instituto que prevê o recebimento do valor conforme previsto no Regulamento

Leia mais

REDAÇÃO ATUAL REDAÇÃO PROPOSTA IMPACTOS

REDAÇÃO ATUAL REDAÇÃO PROPOSTA IMPACTOS XIII XIV "Índice de Reajuste": significa o índice geral de aumentos salariais concedidos pela Patrocinadora 3M do Brasil Ltda., desconsiderados os aumentos reais. O Conselho Deliberativo poderá determinar

Leia mais

Parecer Consultoria Tributária Segmentos - THZMPX - Dedução INSS da base de imposto de renda sobre salários e férias do empregado quando ela tiver

Parecer Consultoria Tributária Segmentos - THZMPX - Dedução INSS da base de imposto de renda sobre salários e férias do empregado quando ela tiver - THZMPX - Dedução INSS da base de imposto de renda sobre 19/02/2016 Sumário Título do documento 1. Questão... 3 2. Normas apresentadas pelo cliente... 6 3. Análise da Legislação... 7 4. Conclusão... 9

Leia mais

21 dicas para aumentar sua produtividade e gerenciar melhor seu tempo. VIVER DE BLOG Página 1

21 dicas para aumentar sua produtividade e gerenciar melhor seu tempo. VIVER DE BLOG Página 1 21 dicas para aumentar sua produtividade e gerenciar melhor seu tempo VIVER DE BLOG Página 1 INTRODUÇÃO Como você usa seu tempo depende muito mais das habilidades que você procura desenvolver depois de

Leia mais

Glossário de Termos Técnicos da Previdência Complementar

Glossário de Termos Técnicos da Previdência Complementar Glossário de Termos Técnicos da Previdência Complementar GLOSSÁRIO Este glossário tem como objetivo apresentar as expressões e termos utilizados no contexto da Previdência Complementar, em especial dos

Leia mais

9 passos para criar um negócio sem largar o emprego

9 passos para criar um negócio sem largar o emprego 9 passos para criar um negócio sem largar o emprego Antes de mais nada gostaria de deixar claro uma coisa: Em um determinado momento você vai precisar escolher entre trabalhar para alguém e trabalhar para

Leia mais

Prof. Eugênio Carlos Stieler

Prof. Eugênio Carlos Stieler CAPITALIZAÇÃO COMPOSTA CAPITALIZAÇÁO COMPOSTA: MONTANTE E VALOR ATUAL PARA PAGAMENTO ÚNICO Capitalização composta é aquela em que a taxa de juros incide sobre o capital inicial, acrescido dos juros acumulados

Leia mais

REGIUS SOCIEDADE CIVIL DE PREVIDÊNCIA PRIVADA

REGIUS SOCIEDADE CIVIL DE PREVIDÊNCIA PRIVADA 1/8 Plano de Benefícios BD-01 Cuidar do seu futuro é o nosso negócio! 2/8 1 Quais são as características do Plano BD-01? O Plano BD-01 foi concebido na modalidade de Benefícios Definidos-BD. Os benefícios

Leia mais

PDI. Vou aderir ao PDI.

PDI. Vou aderir ao PDI. Vou aderir ao PDI. E agora? Informe-se, esclareça as suas dúvidas e reflita! O seu futuro e o da sua família dependem da sua decisão. Previdência Proteção a pessoa, geralmente, no desemprego, na doença,

Leia mais

CARTILHA DO PARTICIPANTE PLANO DE BENEFÍCIOS DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO

CARTILHA DO PARTICIPANTE PLANO DE BENEFÍCIOS DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO CARTILHA DO PARTICIPANTE PLANO DE BENEFÍCIOS DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO 1 SUMÁRIO Unidade 1... 06 1.1. O QUE É PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR?... 07 1.2. O QUE MUDOU COM A ADOÇÃO DA

Leia mais

Demonstração do Simulador de Saldo e Benefícios

Demonstração do Simulador de Saldo e Benefícios Demonstração do Simulador de Saldo e Benefícios Disponível na área do participante www.prhosper.com.br área do participante acesso com logine senha Bem vindo(a) ao novo simulador PRhosper! O seu futuro

Leia mais

Janeiro-Dezembro/2014

Janeiro-Dezembro/2014 IRRF - Décimo terceiro salário 2014 - Roteiro Aqui serão analisados os aspectos gerais relacionados à retenção do Imposto de Renda incidente no pagamento do décimo terceiro salário. Introdução Os rendimentos

Leia mais

Tem dúvidas quanto e onde você gasta ou ganha?

Tem dúvidas quanto e onde você gasta ou ganha? Bem-vindo(a) ao módulo 3: Colocando a mão na massa. Aqui estudaremos sobre como preencher a Planilha de Controle de Caixa e utilizá-la considerando sua realidade, também veremos sobre os pontos fundamentais

Leia mais

A DEFASAGEM NA CORREÇÃO DA TABELA DO IMPOSTO DE RENDA PESSOA FÍSICA

A DEFASAGEM NA CORREÇÃO DA TABELA DO IMPOSTO DE RENDA PESSOA FÍSICA A DEFASAGEM NA CORREÇÃO DA TABELA DO IMPOSTO DE RENDA PESSOA FÍSICA 1. Marco Legal Vigente Em 25 de março de 2011 o Governo Federal editou a MP 528 que foi convertida na Lei nº 12.469, de 26 de agosto

Leia mais

Prevline Participantes Funções Disponíveis

Prevline Participantes Funções Disponíveis Prevline Participantes Funções Disponíveis Bem-Vindo Ao contratar um plano de Previdência você está fazendo um investimento para que, ao longo do tempo, você e sua família possam contar com recursos que

Leia mais

Guia Unicred do IMPOSTO DE RENDA 2016

Guia Unicred do IMPOSTO DE RENDA 2016 Guia Unicred do IMPOSTO DE RENDA 2016 1 ÍNDICE Imposto de Renda 2016... 03 Obrigatoriedade de entrega da declaração... 04 Orientações gerais.... 05 Formas de entrega.... 06 Multa pelo atraso na entrega...

Leia mais

Entenda mais sobre. Plano Copasa Saldado

Entenda mais sobre. Plano Copasa Saldado Entenda mais sobre O Plano Copasa Saldado Apresentação Senhor (a) Participante: Ao publicar este material, a Fundação Libertas tem por objeto facilitar o entendimento e a disseminação dos principais dispositivos

Leia mais

Cartilha Previdência Sem Mistério

Cartilha Previdência Sem Mistério Cartilha Previdência Sem Mistério Seja bem-vindo! Interessado em saber tudo sobre Previdência Privada? Em nossa cartilha você encontra: Os principais conceitos desse produto Explicação dos termos que ninguém

Leia mais

Manual do Participante do Plano HCPA PREV PLANO DE BENEFÍCIOS E CUSTEIO DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR DO HOSPITAL DE CLÍNICAS DE PORTO ALEGRE

Manual do Participante do Plano HCPA PREV PLANO DE BENEFÍCIOS E CUSTEIO DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR DO HOSPITAL DE CLÍNICAS DE PORTO ALEGRE Manual do Participante do Plano HCPA PREV PLANO DE BENEFÍCIOS E CUSTEIO DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR DO HOSPITAL DE CLÍNICAS DE PORTO ALEGRE 1 SUMÁRIO 1. O que é o HCPA PREV 3 2. Quem pode participar do

Leia mais

CONSELHO DE GESTÃO DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR RESOLUÇÃO N.º 9, DE 27 DE JUNHO DE 2002

CONSELHO DE GESTÃO DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR RESOLUÇÃO N.º 9, DE 27 DE JUNHO DE 2002 CONSELHO DE GESTÃO DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR RESOLUÇÃO N.º 9, DE 27 DE JUNHO DE 2002 Dispõe sobre o instituto da portabilidade em planos de benefícios de entidades fechadas de previdência complementar

Leia mais

ALTERAÇÃO DE PERFIL E % DE CONTRIBUIÇÃO Dezembro/2015

ALTERAÇÃO DE PERFIL E % DE CONTRIBUIÇÃO Dezembro/2015 ALTERAÇÃO DE PERFIL E % DE CONTRIBUIÇÃO Dezembro/2015 PORQUE TER UM PLANO DE APOSENTADORIA PRIVADA? TETO ATUAL DO INSS ATUALIZADO SOMENTE PELO INPC: R$ 4.663,00 INDEPENDENTE DO SEU SALÁRIO NA ATIVA, O

Leia mais

POWER WORK RH CURSO ANALISTA DE FOLHA DE PAGAMENTO

POWER WORK RH CURSO ANALISTA DE FOLHA DE PAGAMENTO POWER WORK RH CURSO ANALISTA DE FOLHA DE PAGAMENTO INTRODUÇÃO Muitos profissionais desta área se sentem perdidos quando falamos sobre a elaboração da Folha de Pagamento. Ficam cheios de dúvidas em meio

Leia mais

MUDANÇAS NAS REGRAS DO SEGURO-DESEMPREGO, ABONO SALARIAL ANUAL, AUXILIO-DOENÇA E PENSÃO POR MORTE

MUDANÇAS NAS REGRAS DO SEGURO-DESEMPREGO, ABONO SALARIAL ANUAL, AUXILIO-DOENÇA E PENSÃO POR MORTE MUDANÇAS NAS REGRAS DO SEGURO-DESEMPREGO, ABONO SALARIAL ANUAL, AUXILIO-DOENÇA E PENSÃO POR MORTE Em 30/12/2014, por meio das Medidas Provisórias 664 e 665, publicadas no Diário Oficial da União, as normas

Leia mais

Perfis de Investimento

Perfis de Investimento Perfis de Investimento OBJETIVO O presente documento apresenta como principal objetivo a defi nição de uma estrutura de Perfis de Investimento para os Participantes do Plano de Aposentadoria PREVIPLAN.

Leia mais

PLANO DE APOSENTADORIA BASF

PLANO DE APOSENTADORIA BASF Formulário de inscrição para o Plano de Aposentadoria BASF 1. Dados do participante Nome do Participante: Matrícula: Data de admissão: Patrocinadora: Estado Civil: CPF: 2. Declaração do participante Na

Leia mais

Lucratividade: Crescer, Sobreviver ou Morrer

Lucratividade: Crescer, Sobreviver ou Morrer Lucratividade: Crescer, Sobreviver ou Morrer Foco da Palestra Orientar e esclarecer os conceitos de Lucratividade e a importância para existência e sucesso das empresas. Proporcionar aos participantes

Leia mais

PROJETO DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA E PREVIDENCIÁRIA

PROJETO DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA E PREVIDENCIÁRIA PROJETO DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA E PREVIDENCIÁRIA APRESENTAÇÃO COM A COLABORAÇÃO DO MINISTÉRIO DA PREVIDÊNCIA SOCIAL E DA ABRAPP. DESENVOLVIDA PARA A 2ª SEMANA DA EDUCAÇÃO FINANCEIRA, REALIZADA ENTRE OS

Leia mais

Poupança e Investimento

Poupança e Investimento Poupança e Investimento Davi Trindade Batista Analista de Mercado Financeiro - CVM As opiniões e conclusões externadas nesta apresentação são de inteira responsabilidade do palestrante, não refletindo,

Leia mais

Previdencia PREVIDÊNCIA

Previdencia PREVIDÊNCIA Cartilha 2 Previdencia PREVIDÊNCIA 3 A MAPFRE Previdência desenvolveu para os participantes dos planos de previdência complementar: PGBL (Plano Gerador de Benefício Livre), FGB Tradicional (Fundo Gerador

Leia mais

SUPERINTENDÊNCIA NACIONAL DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR INSTRUÇÃO CONJUNTA Nº 1, DE 14 DE NOVEMBRO DE 2014

SUPERINTENDÊNCIA NACIONAL DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR INSTRUÇÃO CONJUNTA Nº 1, DE 14 DE NOVEMBRO DE 2014 SUPERINTENDÊNCIA NACIONAL DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR INSTRUÇÃO CONJUNTA Nº 1, DE 14 DE NOVEMBRO DE 2014 Dispõe sobre as regras de portabilidade de recursos de planos de benefícios de Entidades Abertas

Leia mais

Anderson Gonçalves Os 5 passos para investir no Tesouro Direto

Anderson Gonçalves Os 5 passos para investir no Tesouro Direto Anderson Gonçalves Os 5 passos para investir no Tesouro Direto www.aprendatesourodireto.com.br Aviso Importante O autor não tem vínculo com as pessoas, instituições financeiras e produtos citados. Toda

Leia mais

Endividado, Equilibrado Financeiramente ou Investidor!

Endividado, Equilibrado Financeiramente ou Investidor! Educação Financeira Página 1 Pontos: Leia atentamente e marque com um (x) a alternativa que você mais se identifica. Apenas uma resposta. O teste é pessoal então seja honesto com você. 1. O que você ganha

Leia mais

Cartilha do Plano PrevSIAS

Cartilha do Plano PrevSIAS Sociedade Ibgeana de Assistência e Seguridade Cartilha do Plano PrevSIAS Plano de Aposentadoria SIAS Instituidor Associação dos Funcionários da SIAS - AFUSI JULHO DE 2013 MENSAGEM DA SIAS Prezado(a) Sr(a).,

Leia mais

Manual do Aposentado e Pensionista

Manual do Aposentado e Pensionista Manual do Aposentado e Pensionista 1 SUMÁRIO Qual é o significado de Aposentado e Pensionista?...3 Quando é realizado o pagamento do Benefício?...3 Quais as formas de recebimento dos Benefícios?...3 Quando

Leia mais