1º ano Pró Madá TEORIAS MODERNAS SOBRE ORIGEM DA VIDA

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "1º ano Pró Madá TEORIAS MODERNAS SOBRE ORIGEM DA VIDA"

Transcrição

1 1º ano Pró Madá TEORIAS MODERNAS SOBRE ORIGEM DA VIDA

2 Panspermia cósmica As substâncias que contribuíram para a formação das primeiras formas de vida podem ter chegado ao planeta, e não terem sido formadas aqui.

3 Estudos Hermann von Helmholtz e William Thomson, que afirmavam a possibilidade de meteoros servirem de meio de transporte para as formas de vida encontradas no espaço. Svante Arrhenius sugeriu que os esporos poderiam ser transportados no espaço pela pressão da radiação emitida por estrelas. Fred Hoyle, ao estudar as galáxias, verificou que seria possível que bactérias viajassem pelo universo.

4 Evolução química A vidaéprodutode um processode evolução química em que substâncias orgânicas se arranjam, formando moléculas orgânicas mais simples e essenciais (como carboidratos, aminoácidos, bases nitrogenadas) e da reação entre essas moléculas mais simples começam a surgir moléculas mais complexas.

5 Terra primitiva

6 Experimento de Miller

7 O mundo do RNA Em algum momento da evolução o organismo que habitava a Terra primitiva adquiriu a capacidade de se reproduzir. Precisava se dividir e repassar as instruções para as atividades vitais. Suposição: o RNA foi o primeiro tipo de material genético formado conseguiram fazer com que ele fosse produzido a partir de condições abióticas. possuía a capacidade de replicar-se, ou seja, produzir uma cópia desimesmo. O RNA controla a produção de proteínas, organizando a ligação entre os aminoácidos.

8 Hipótese heterotrófica Os primeiros organismos eram estruturalmente muito simples as reações químicas em suas células também eram simples. Viviam em um ambiente aquático, rico em substâncias nutritivas, mas provavelmente não havia oxigênio na atmosfera, nem dissolvido na água dos mares. É possível supor que, tendo alimento abundante ao seu redor, esses primeiros seres teriam utilizado esse alimento já pronto como fonte de energia e matéria-prima.

9 Hipótese heterotrófica Nas condições da Terra atual, a via metabólica mais simples para se degradar o alimento sem oxigênio é a fermentação, um processo anaeróbio(an=sem,aero=ar,bio=vida). Um dos tipos mais comuns de fermentação é a fermentação alcoólica. O açúcar glicose é degradado em álcool etílico (etanol) e gás carbônico, liberado energia para as várias etapas do metabolismo celular.

10 Hipótese heterotrófica Organismos aumentaram em número por reprodução. As condições climáticas da Terra também estavam mudando a ponto de não mais ocorrer síntese pré-biótica de matéria orgânica. O alimento dissolvido no meio teria começado a ficar escasso. Com alimento reduzido + um grande número de indivíduos nos mares = muita competição = morte por falta de alimento. Ao mesmo tempo, teria se acumulado CO 2 no ambiente. Acredita-se que nesse novo cenário teria ocorrido o surgimento de alguns seres capazes de captar a luz solar com o auxílio de pigmentos como a clorofila.

11 Hipótese heterotrófica A energia da luz teria sido utilizada para a síntese de seus próprios alimentos orgânicos, apartirdeáguaegáscarbônico. Surgem assim os primeiros seres autótrofos: Surgem assim os primeiros seres autótrofos: os seres fotossintetizantes (foto = luz; síntese em presença de luz), que não competiam com os heterótrofos e proliferaram muito.

12 Hipótese autotrófica Os primeiros seres vivos foram bactérias Energia reação entre substâncias inorgânicas, como fazem as bactérias encontradas atualmente nas fontes termais submarinas e em outros ambientes muito quentes (com cerca de 60 a 105ºC) e sulfurosos. Segundo essa hipótese, parece que toda a vida que conhecemos descende desse tipo de bactéria, que devia ser autotrófica.

13 Hipótese autotrófica Argumentos evidências que sugerem abundância de sulfeto de hidrogênio (gás sulfídrico, H 2 S, que tem cheiro de ovo podre) e compostos de ferro na Terra primitiva. As primeiras bactérias devem ter obtido energia de reações que tenham envolvido esses compostos para a síntese de seus componentes orgânicos.

14 Hipótese autotrófica Segundo essa hipótese, a quimiossíntese - um processo autotrófico teria surgido primeiro. Depois teriam surgido a fermentação, a Depois teriam surgido a fermentação, a fotossíntese e finalmente a respiração.

A ORIGEM DA VIDA. Hipótese autotrófica e heterotrófica

A ORIGEM DA VIDA. Hipótese autotrófica e heterotrófica A ORIGEM DA VIDA Hipótese autotrófica e heterotrófica HIPÓTESE AUTOTRÓFICA Necessidade de alimento Seres autotróficos: capazes de produzir o alimento necessário plantas clorofiladas e algumas bactérias

Leia mais

Vida: uma evolução química

Vida: uma evolução química Vida: uma evolução química Eis as questões... Se a vida não surge espontaneamente, então, qual teria sido a origem dos primeiros seres vivos? Em outras palavras, como teria surgido a vida na Terra? A hipótese

Leia mais

Origem da vida. Professor Fláudio

Origem da vida. Professor Fláudio Origem da vida Professor Fláudio Origem da vida Objetivos desta aula Entender as teorias que explicam a origem dos primeiros seres vivos. Diferentes tipos de células e seus componentes químicos. Níveis

Leia mais

Professora Leonilda Brandão da Silva

Professora Leonilda Brandão da Silva COLÉGIO ESTADUAL HELENA KOLODY E.M.P. TERRA BOA - PARANÁ Professora Leonilda Brandão da Silva E-mail: leonildabrandaosilva@gmail.com http://professoraleonilda.wordpress.com/ A HISTÓRIA DOS SERES A HISTÓRIA

Leia mais

Hipóteses: Oparin e Haldane. a) Origem por criação divina (criacionismo) b) Origem extraterrestre (panspermia)

Hipóteses: Oparin e Haldane. a) Origem por criação divina (criacionismo) b) Origem extraterrestre (panspermia) Professora Catarina Hipóteses: a) Origem por criação divina (criacionismo) b) Origem extraterrestre (panspermia) c) Origem por evolução química: a hipótese de Oparin e Haldane. Antiguidade - séc. XIX.

Leia mais

- CAPÍTULO 2 - ORIGEM DA VIDA NA TERRA

- CAPÍTULO 2 - ORIGEM DA VIDA NA TERRA - CAPÍTULO 2 - ORIGEM DA VIDA NA TERRA 1. Defina os termos abiogênese e biogênese. 2. Francesco Redi foi o primeiro pesquisador a questionar a abiogênese ou a biogênese? Descreva resumidamente o experimento

Leia mais

Prof. Giovani - Biologia

Prof. Giovani - Biologia Prof. Giovani - Biologia 1.(UFRS) Tanto em uma célula eucarionte quanto em uma procarionte podemos encontrar: a) membrana plasmática e retículo endoplasmático. b) ribossomos e aparelho de Golgi. c) mitocôndrias

Leia mais

Metabolismo Energético das Células. Processos Exergônicos: Respiração Celular Fermentação

Metabolismo Energético das Células. Processos Exergônicos: Respiração Celular Fermentação Metabolismo Energético das Células Processos Exergônicos: Respiração Celular Fermentação Introdução Processos endergônicos - Característica: Precisam receber energia. - Ex.: Fotossíntese e quimiossíntese.

Leia mais

ORIGEM DA VIDA. Professor: Paulo Disciplina: Biologia Campus Aquidauana

ORIGEM DA VIDA. Professor: Paulo Disciplina: Biologia Campus Aquidauana ORIGEM DA VIDA Professor: Paulo Disciplina: Biologia Campus Aquidauana Os cientistas acreditam que entre 10 e 20 bilhões de anos atrás houve uma poderosa explosão. Toda a matéria do universo, que estava

Leia mais

ASTRONOMIA & ORIGEM DA VIDA. Prof. Bruno Ramello

ASTRONOMIA & ORIGEM DA VIDA. Prof. Bruno Ramello ASTRONOMIA & ORIGEM DA VIDA Prof. Bruno Ramello ORIGEM DO UNIVERSO 13,5 BILHOES DE ANOS GRANDE EXPLOSÃO BIG BANG DESENVOLVIMENTO DA FÍSICA/ ASTRONOMIA ALBERT EINSTEIN (TEORIA DA RELATIVIDADE) O UNIVERSO

Leia mais

PROBLEMATIZAÇÃO Um ser vivo pode surgir da matéria sem vida? De onde vem as larvas que surgem sobre a matéria em decomposição? Por que os alimentos

PROBLEMATIZAÇÃO Um ser vivo pode surgir da matéria sem vida? De onde vem as larvas que surgem sobre a matéria em decomposição? Por que os alimentos PROBLEMATIZAÇÃO Um ser vivo pode surgir da matéria sem vida? De onde vem as larvas que surgem sobre a matéria em decomposição? Por que os alimentos se estragam se deixados fora da geladeira? De onde vem

Leia mais

Exercícios de Respiração e Fermentação

Exercícios de Respiração e Fermentação Exercícios de Respiração e Fermentação Material de apoio do Extensivo 1. (UFV) Enquanto os organismos superiores utilizam a respiração aeróbia para obter energia, algumas bactérias e fungos utilizam a

Leia mais

1) (Fuvest-SP) 2) (Mackenzie-SP) 3) (UDESC-SC) 4) (ENEM) 5) (UNIOESTE-PR)

1) (Fuvest-SP) 2) (Mackenzie-SP) 3) (UDESC-SC) 4) (ENEM) 5) (UNIOESTE-PR) 1) (Fuvest-SP) As mitocôndrias são consideradas as casas de força das células vivas. Tal analogia refere-se ao fato de as mitocôndrias: a) estocarem moléculas de ATP produzidas na digestão de alimentos.

Leia mais

POTENCIAL DE PRODUÇÃO DE PLANTAS FORRAGEIRAS. Maria Aparecida Salles Franco Curso de Veterinária Disciplina: Forragicultura e Plantas Tóxicas

POTENCIAL DE PRODUÇÃO DE PLANTAS FORRAGEIRAS. Maria Aparecida Salles Franco Curso de Veterinária Disciplina: Forragicultura e Plantas Tóxicas POTENCIAL DE PRODUÇÃO DE PLANTAS FORRAGEIRAS Maria Aparecida Salles Franco Curso de Veterinária Disciplina: Forragicultura e Plantas Tóxicas Um pouco sobre nutrientes nos alimentos Do ano de 1917 para

Leia mais

Resumidamente, podemos sintetizar assim as características gerais dos seres vivos.

Resumidamente, podemos sintetizar assim as características gerais dos seres vivos. 1 2 Resumidamente, podemos sintetizar assim as características gerais dos seres vivos. 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 Os heterótrofos podem ser: consumidores: alimentam-se de outros organismos. Todos

Leia mais

b) A atmosfera primitiva possuía composição diferente da atual com a presença de amônia (NH 3 ), metano (CH 4 ), hidrogênio (H 2 ) e vapor d água (H

b) A atmosfera primitiva possuía composição diferente da atual com a presença de amônia (NH 3 ), metano (CH 4 ), hidrogênio (H 2 ) e vapor d água (H A ORIGEM DA VIDA Terra Primitiva A TERRA PRIMITIVA a) A Terra tem aproximadamente 4,5 bilhões de anos. À medida que foi se resfriando, as primeiras rochas se solidificaram tendo a crosta terrestre aparecido

Leia mais

Teorias sobre a origem e evolução da vida

Teorias sobre a origem e evolução da vida Simpósio Estadual de Biologia 19 e 20/10/2011 A ORIGEM DA VIDA NA TERRA Prof. Danislei Bertoni PPGE/UFPR/SEED danislei@seed.pr.gov.br PENSAMENTO BIOLÓGICO EVOLUTIVO BIODIVERSIDADE Teorias sobre a origem

Leia mais

A Química da Vida. Anderson Dias Felipe Knak

A Química da Vida. Anderson Dias Felipe Knak A Química da Vida Anderson Dias Felipe Knak A ÁGUA NAS CÉLULAS A água é imprescindível à vida dos indivíduos, independendo da espécie, idade, metabolismo e/ou grupo celular. A água exerce função de transporte

Leia mais

A disposição da vida na Terra

A disposição da vida na Terra Aula 01 A disposição da vida na Terra O que é a vida? Existe vida em outros planetas? Podemos viver sem o Sol? O nosso sistema solar possui os seguintes planetas: Mercúrio, Vênus, Terra, Marte Júpiter,

Leia mais

ORIGEM DA VIDA. Plantão 08 Curso do Edilson. Prof. Edilson

ORIGEM DA VIDA. Plantão 08 Curso do Edilson. Prof. Edilson ORIGEM DA VIDA 1. (Ufpb 2011) Nos estudos sobre o surgimento da vida na Terra, duas hipóteses são postuladas acerca das formas pelas quais os organismos obtinham energia: os primeiros organismos eram heterotróficos;

Leia mais

Apostila de Biologia 09 Energia e Matéria nos Ecossistemas

Apostila de Biologia 09 Energia e Matéria nos Ecossistemas Apostila de Biologia 09 Energia e Matéria nos Ecossistemas Matheus Borges 1.0 Fluxo de energia A fonte de energia para os seres vivos é o Sol. No ecossistema, é sempre o produtor que apresenta o maior

Leia mais

LIGAÇÕES QUÍMICAS Folha 04 João Roberto Mazzei

LIGAÇÕES QUÍMICAS Folha 04 João Roberto Mazzei 01. Assinale a fórmula de Lewis da molécula HCN. a) H x C xn b) H x C x N c) H x C x N x d) H x C x x N e) Hx C x xn 0. Assinale a alternativa que apresenta, ao mesmo tempo, ligações covalentes e iônicas.

Leia mais

Procariontes. Não possuem membrana nuclear. Unicelulares Constituídos por uma única célula

Procariontes. Não possuem membrana nuclear. Unicelulares Constituídos por uma única célula Reino Monera Denise Mello do Prado Biologia www.e-conhecimento.com.br Características Gerais Procariontes Não possuem membrana nuclear Unicelulares Constituídos por uma única célula Parede celular Diferentes

Leia mais

21/07/2015 CITOLOGIA E CITOPLASMA CITOESQUELETO ORGANELAS

21/07/2015 CITOLOGIA E CITOPLASMA CITOESQUELETO ORGANELAS CITOLASMA CITOLOGIA E CITOLASMA rof. Leonardo F. Stahnke É a parte da célula localizada entre a membrana plasmática e a membrana nuclear. É composta basicamente por três partes: Citosol: Material gelatinoso

Leia mais

http://www.guia.heu.nom.br/vida_na_terra.htm

http://www.guia.heu.nom.br/vida_na_terra.htm Como o primeiro organismo vivo surgiu na Terra? http://www.guia.heu.nom.br/vida_na_terra.htm BIG-BANG A teoria do Big-bang sugere que entre 10 e 20 bilhões de anos atrás houve uma poderosa explosão. Toda

Leia mais

REINO MONERA. Características: Procariontes - Unicelulares ou coloniais - Representantes: bactérias e cianobactérias

REINO MONERA. Características: Procariontes - Unicelulares ou coloniais - Representantes: bactérias e cianobactérias Características: Procariontes - Unicelulares ou coloniais - Representantes: bactérias e cianobactérias GRUPO: EUBACTÉRIAS Autótrofas: Quimiossíntese e fotossíntese; Heterótrofas: Aeróbicas Anaeróbicas

Leia mais

LIPÍDIOS. 1º ano Pró Madá

LIPÍDIOS. 1º ano Pró Madá LIPÍDIOS 1º ano Pró Madá O QUE SÃO? Também chamados de gorduras Compostos com estrutura molecular variada principalmente, por moléculas de hidrogênio, oxigênio, carbono Característica principal insolubilidade

Leia mais

A CÉLULA. Natércia Charruadas 2011. Biologia e Geologia 10º ano

A CÉLULA. Natércia Charruadas 2011. Biologia e Geologia 10º ano A CÉLULA Natércia Charruadas 2011 Biologia e Geologia 10º ano O entendimento dos processos biológicos depende do conhecimento da célula enquanto unidade fundamental da Vida. As dimensões das células, geralmente

Leia mais

Capítulo 1 Parte 2 CARACTERÍSTICAS DOS SERES VIVOS

Capítulo 1 Parte 2 CARACTERÍSTICAS DOS SERES VIVOS Capítulo 1 Parte 2 CARACTERÍSTICAS DOS SERES VIVOS PROBLEMATIZAÇÃO Para que serve o alimento que ingerimos? Para que serve o oxigênio que respiramos? O que significa seres AUTOTRÓFICOS? Cite exemplos.

Leia mais

Professora Leonilda Brandão da Silva

Professora Leonilda Brandão da Silva COLÉGIO ESTADUAL HELENA KOLODY E.M.P. TERRA BOA - PARANÁ Professora Leonilda Brandão da Silva E-mail: leonildabrandaosilva@gmail.com http://professoraleonilda.wordpress.com/ METABOLISMO ENERGÉTICO DAS

Leia mais

Evolução. Biologia Professor: Rubens Oda 29/09/2014. Material de apoio para Aula ao Vivo

Evolução. Biologia Professor: Rubens Oda 29/09/2014. Material de apoio para Aula ao Vivo Evolução 1. (UFTM) No início da década de 1950, o químico americano Stanley L. Miller desenvolveu um experimento que ainda hoje é considerado um dos suportes da hipótese da origem da vida na Terra. Miller

Leia mais

Via das pentoses fosfato

Via das pentoses fosfato Pode ser polimerizada, estocada, transportada e liberada rapidamente quando o organismo precisa de energia ou para compor estruturas especiais A glicose além de ser metabolizada pelas reações da glicólise

Leia mais

Qual a fonte primária de energia nos ecossistemas?

Qual a fonte primária de energia nos ecossistemas? Ciências Naturais 8.º ano Fluxos de Energia e Ciclo de Matéria Qual a fonte primária de energia nos ecossistemas? O Sol é a fonte primária de Energia para a vida dos Ecossistemas. Energia Solar Energia

Leia mais

Série: 2º ano. Assunto: Estequiometria

Série: 2º ano. Assunto: Estequiometria Aluno: Série: 2º ano Assunto: Estequiometria 1) A massa de dióxido de carbono liberada na queima de 80 g de metano, quando utilizado como combustível, é: (Dados: massas molares, em g/mol: H = 1, C =12,

Leia mais

GRUPO DE BIOLOGIA PARA ENEM

GRUPO DE BIOLOGIA PARA ENEM MÓDULO 01 ORIGEM DA VIDA Material referente ao Módulo 01 do GRUPO DE BIOLOGIA PARA ENEM (modalidade EAD), ministrado pelo Profº Fernando Teixeira. Maiores informações: Site: http://ead.biovestiba.net Email:

Leia mais

ferro bromo brometo de ferro 40g 120g 0g 12g 0g 148g 7g 40g 0g 0g x g 37g

ferro bromo brometo de ferro 40g 120g 0g 12g 0g 148g 7g 40g 0g 0g x g 37g 01) (FCMSC-SP) A frase: Do nada, nada; em nada, nada pode transformar-se relaciona-se com as idéias de: a) Dalton. b) Proust. c) Boyle. d) Lavoisier. e) Gay-Lussac. 02) Acerca de uma reação química, considere

Leia mais

A Célula. Depois do aprimoramento desse instrumento tornou- se possível o estudo da célula. É a área da Biologia responsável pelo estudo da célula.

A Célula. Depois do aprimoramento desse instrumento tornou- se possível o estudo da célula. É a área da Biologia responsável pelo estudo da célula. A Célula Citologia É a área da Biologia responsável pelo estudo da célula. Microscópio Depois do aprimoramento desse instrumento tornou- se possível o estudo da célula. Elab.: Prof. Gilmar 2 Elab.: Prof.

Leia mais

Bactérias. Meios de Cultura e Curva de crescimento in vitro. Meios de cultura

Bactérias. Meios de Cultura e Curva de crescimento in vitro. Meios de cultura Bactérias Meios de Cultura e Curva de crescimento in vitro Microbiologia profª Janara Meios de cultura NUTRIÇÃO Obtenção de ENERGIA (ATP) e construção de componentes celulares. Nutrientes necessários à

Leia mais

Sistema Urinário. 2º ano 2013 Profa. Rose Lopes

Sistema Urinário. 2º ano 2013 Profa. Rose Lopes Sistema Urinário 2º ano 2013 Profa. Rose Lopes Considerações iniciais Excretas Produto indesejável do metabolismo celular Excretas nitrogenadas Produtos indesejáveis do metabolismo de proteínas ou ácidos

Leia mais

Metabolismo do Exercício -1ª parte

Metabolismo do Exercício -1ª parte Metabolismo do Exercício -1ª parte INTRODUÇÃO Nenhum outro estresse a que o corpo é normalmente exposto, sequer se aproxima dos estresses extremos decorrente do exercício vigoroso. INTRODUÇÃO De fato,

Leia mais

Microrganismos e Fermentação Isabel Lopes

Microrganismos e Fermentação Isabel Lopes Microrganismos e Fermentação Isabel Lopes Como é possível? 1/8 da população mundial não tem alimentos suficientes para comer. 146 milhões de crianças entre os 3 e os 6 anos têm peso abaixo da média. A

Leia mais

UMA VISÃO GERAL DA BIOLOGIA. A Biologia é a ciência que estuda os seres vivos ou, mais precisamente, as características dos seres vivos.

UMA VISÃO GERAL DA BIOLOGIA. A Biologia é a ciência que estuda os seres vivos ou, mais precisamente, as características dos seres vivos. Capítulo 1 - O FENÔMENO VIDA - pag.11 A 31 1. DE QUE SÃO FEITOS OS SERES VIVOS? O que é Biologia BIO = Vida LOGOS = Estudo BIOLOGIA= Estudo da Vida UMA VISÃO GERAL DA BIOLOGIA A Biologia é a ciência que

Leia mais

METABOLISMO ENERGÉTICO

METABOLISMO ENERGÉTICO RESUMÃO DE BIOLOGIA METABOLISMO ENERGÉTICO Metabolismo celular é um conjunto de reações químicas, sejam de síntese [anabolismo] ou de quebra [catabolismo], voltadas para a transformação de energia em uma

Leia mais

Biologia e Bioquímica II 2009/2010

Biologia e Bioquímica II 2009/2010 Biologia e Bioquímica II 009/010 Módulo II - Mitocôndria Sessão 6 Ficha de trabalho 1. Qual a importância energética da glicólise se no balanço final só há produção de ATP e, por cada molécula de glicose

Leia mais

Lipídios, Proteínas e Vitaminas

Lipídios, Proteínas e Vitaminas Lipídios, Proteínas e Vitaminas Aula ao Vivo Lipídios Substâncias orgânicas insolúveis em água e solúveis em certos solventes orgânicos apolares, álcool, benzina e éter. Proteínas Componentes fundamentais

Leia mais

Bioenergética FONTES ENERGÉTICAS. BE066 Fisiologia do Exercício. Sergio Gregorio da Silva, PhD. Definição de Energia! Capacidade de realizar trabalho

Bioenergética FONTES ENERGÉTICAS. BE066 Fisiologia do Exercício. Sergio Gregorio da Silva, PhD. Definição de Energia! Capacidade de realizar trabalho BE066 Fisiologia do Exercício Bioenergética Sergio Gregorio da Silva, PhD FONTES ENERGÉTICAS Definição de Energia! Capacidade de realizar trabalho Definição de Trabalho! Aplicação de força através de uma

Leia mais

1. (Unicamp 2015) A figura abaixo representa relações existentes entre organismos vivos.

1. (Unicamp 2015) A figura abaixo representa relações existentes entre organismos vivos. 1. (Unicamp 2015) A figura abaixo representa relações existentes entre organismos vivos. a) O que é representado na figura? Que tipo de organismo é representado por X? b) Qual seria a consequência do desaparecimento

Leia mais

CIÊNCIAS PROVA 1º BIMESTRE 9º ANO PROJETO CIENTISTAS DO AMANHÃ

CIÊNCIAS PROVA 1º BIMESTRE 9º ANO PROJETO CIENTISTAS DO AMANHÃ PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ENSINO COORDENADORIA DE EDUCAÇÃO CIÊNCIAS PROVA 1º BIMESTRE 9º ANO PROJETO CIENTISTAS DO AMANHÃ Prova elaborada

Leia mais

Professor: Paulo Disciplina: Biologia Campus Aquidauana CITOLOGIA

Professor: Paulo Disciplina: Biologia Campus Aquidauana CITOLOGIA Professor: Paulo Disciplina: Biologia Campus Aquidauana CITOLOGIA CITOLOGIA A área da Biologia que estuda a célula, no que diz respeito à sua estrutura e funcionamento. Kytos (célula) + Logos (estudo)

Leia mais

Colégio Delta - Unidade Anápolis - Origem da Vida. CONHECENDO NOSSAS ORIGENS Prof. Fláudio

Colégio Delta - Unidade Anápolis - Origem da Vida. CONHECENDO NOSSAS ORIGENS Prof. Fláudio Colégio Delta - Unidade Anápolis - Origem da Vida CONHECENDO NOSSAS ORIGENS Prof. Fláudio Aula 01: Origem da vida Origem da vida Até meados do séc. XIX, acreditava-se que seres podiam surgir espontaneamente

Leia mais

Biologia Fascículo 07 Juvenal Carlos Schalch

Biologia Fascículo 07 Juvenal Carlos Schalch Biologia Fascículo 07 Juvenal Carlos Schalch Índice A Origem da Vida...1 Teorias de Evolução Biológica...2 Exercícios...3 Gabarito...5 A Origem da Vida 01. O que diz, em linhas gerais, a teoria da geração

Leia mais

Bem Explicado Centro de Explicações Lda. CN 7º Ano Teste Diagnóstico: Condições que permitem a existência de Vida na Terra

Bem Explicado Centro de Explicações Lda. CN 7º Ano Teste Diagnóstico: Condições que permitem a existência de Vida na Terra Bem Explicado Centro de Explicações Lda. CN 7º Ano Teste Diagnóstico: Condições que permitem a existência de Vida na Terra Nome: Data: / / 1. Completa os espaços em branco, das afirmações que se seguem,

Leia mais

CÉLULA VEGETAL E PAREDE CELULAR

CÉLULA VEGETAL E PAREDE CELULAR Universidade Federal do Pampa Campus de São Gabriel Centro de Ciências Rurais Curso de Ciências Biológicas CÉLULA VEGETAL E PAREDE CELULAR Monitora: Rosangela Gonçalves Célula Vegetal As células vegetais

Leia mais

www.professormazzei.com - FUNÇÕES OXIGENADAS Folha 01 João Roberto Mazzei

www.professormazzei.com - FUNÇÕES OXIGENADAS Folha 01 João Roberto Mazzei 01. (UFRS 2008) Nos compostos orgânicos, além do carbono e do hidrogênio, é muito frequente a presença do oxigênio. Assinale a alternativa em que os três compostos apresentam oxigênio. a) formaldeído,

Leia mais

A CÉLULA EUCARIÓTICA

A CÉLULA EUCARIÓTICA A CÉLULA EUCARIÓTICA ... A célula é a unidade básica, estrutural e funcional de todos os seres vivos... A maioria das células têm um tamanho de 10 a 100 micrômetros e formas variadas QUAIS AS DIFERENÇAS

Leia mais

QUÍMICA ANALÍTICA AMBIENTAL 106213. Prof. Marcelo da Rosa Alexandre

QUÍMICA ANALÍTICA AMBIENTAL 106213. Prof. Marcelo da Rosa Alexandre QUÍMICA ANALÍTICA AMBIENTAL 106213 Prof. Marcelo da Rosa Alexandre Ciência Ambiental e Meio Ambiente 1 - De acordo com G. Tyler Miller Jr (Ciência Ambiental, 11 a Ed, 2007), Meio Ambiente é tudo que afeta

Leia mais

www.professormazzei.com Estequiometria Folha 03 Prof.: João Roberto Mazzei

www.professormazzei.com Estequiometria Folha 03 Prof.: João Roberto Mazzei 01. (CFTCE 2007) Dada a reação de neutralização: HCl + NaOH NaCl + H 2O, a massa de NaCl, produzida a partir de 80 g de hidróxido de sódio (NaOH), é: a) 58,5 g b) 40 g c) 117 g d) 80 g e) 120 g 02. (CFTCE

Leia mais

PlanetaBio Resolução de Vestibulares UNICAMP 2012 1ª fase www.planetabio.com

PlanetaBio Resolução de Vestibulares UNICAMP 2012 1ª fase www.planetabio.com 1- Hemácias de um animal foram colocadas em meio de cultura em vários frascos com diferentes concentrações das substâncias A e B, marcadas com isótopo de hidrogênio. Dessa forma os pesquisadores puderam

Leia mais

Sangue Professor: Fernando Stuchi

Sangue Professor: Fernando Stuchi Zoologia e Histologia Animal Sangue Professor: Fernando Stuchi Sangue Em animais invertebrados o líquido circulante no interior do sistema cardiovascular é a hemolinfa. Nos vertebrados esse liquido é o

Leia mais

MASSA ATÔMICA, MOLECULAR, MOLAR, NÚMERO DE AVOGADRO E VOLUME MOLAR.

MASSA ATÔMICA, MOLECULAR, MOLAR, NÚMERO DE AVOGADRO E VOLUME MOLAR. MASSA ATÔMICA, MOLECULAR, MOLAR, NÚMERO DE AVOGADRO E VOLUME MOLAR. UNIDADE DE MASSA ATÔMICA Em 1961, na Conferência da União Internacional de Química Pura e Aplicada estabeleceu-se: DEFINIÇÃO DE MASSA

Leia mais

Cadeias alimentares. Observe as ilustrações abaixo: www.interaulaclube.com.br. Açúcar é Energia

Cadeias alimentares. Observe as ilustrações abaixo: www.interaulaclube.com.br. Açúcar é Energia A U A UL LA Cadeias alimentares Atenção Observe as ilustrações abaixo: Açúcar é Alegria, É prazer e energia! Recupera sua energia 30% mais rápido! ENERGIA QUE DÁ GOSTO Açúcar é Energia Por que essas frases

Leia mais

Projeto de Recuperação Anual - 1ª Série (EM)

Projeto de Recuperação Anual - 1ª Série (EM) Projeto de Recuperação Anual 1ª Série (EM) Biologia 1 MATÉRIA A SER ESTUDADA Fascículo Genética 1 Exercícios Fixação, Aplicação e Aprofundamento. LISTA DE EXERCÍCIOS PARA ENTREGAR 1 O albinismo, a ausência

Leia mais

Origem da vida. Prof. Veríssimo Júnior

Origem da vida. Prof. Veríssimo Júnior Origem da vida Prof. Veríssimo Júnior 1.Introdução Durante a formação do sistema solar a 4,6 bilhões de anos atrás parte da nuvem de poeira cósmica formou os embriões dos planetas assim que o sol começou

Leia mais

Estrutura Celular. Célula Animal

Estrutura Celular. Célula Animal Estrutura Celular Membrana Plasmática Hialoplasma(Citoplasma )& Citoesqueleto Parede Celular (exclusivo célula Vegetal) Núcleo Organelas celulares Célula Animal Hialoplasma Composição: 70 a 80% de água

Leia mais

Metabolismo dos Carboidratos

Metabolismo dos Carboidratos Metabolismo dos Carboidratos Disciplina: Nutrição Aplicada a Educação Física Prof ₐ Mda. Vanessa Ribeiro dos Santos Definição O que são carboidratos? Os carboidratos são compostos orgânicos que contêm:

Leia mais

MATRIZ DE REFERÊNCIA AVALIA BH 3º ANO ENSINO FUNDAMENTAL CIÊNCIAS DA NATUREZA

MATRIZ DE REFERÊNCIA AVALIA BH 3º ANO ENSINO FUNDAMENTAL CIÊNCIAS DA NATUREZA 3º ANO ENSINO FUNDAMENTAL Reconhecer a dependência dos seres vivos em relação aos componentes físicos e químicos da natureza. Identificar as principais características que definem um ser vivo. Relacionar

Leia mais

Ácidos Nucléicos Duplicação do DNA e Síntese de PROTEÍNAS. Paulo Dutra

Ácidos Nucléicos Duplicação do DNA e Síntese de PROTEÍNAS. Paulo Dutra Ácidos Nucléicos Duplicação do DNA e Síntese de PROTEÍNAS Paulo Dutra ÁCIDOS NUCLEICOS Nucleotídeos É a unidade formadora dos ácidos nucléicos: DNA e RNA. É composto por um radical fosfato, uma pentose

Leia mais

COMPONENTE CURRICULAR: Ciências Prof a Angélica Frey ANO: 6 o LISTA DE CONTEÚDOS. 1 O Trimestre:

COMPONENTE CURRICULAR: Ciências Prof a Angélica Frey ANO: 6 o LISTA DE CONTEÚDOS. 1 O Trimestre: COMPONENTE CURRICULAR: Ciências Prof a Angélica Frey ANO: 6 o 1 O Trimestre: LISTA DE CONTEÚDOS Ecologia o Níveis de organização: organismo, população, comunidade, ecossistema, bioma. o Componentes do

Leia mais

10/10/2012 CARBOIDRATOS CARBOIDRATOS CARBOIDRATOS

10/10/2012 CARBOIDRATOS CARBOIDRATOS CARBOIDRATOS ARBIDRATS ARBIDRATS I Ê N I A S M L E U L A R E S E E L U L A R E S P R F ª. F E R N A N D A. E S T E V E S D E L I V E I R A arboidratos (ou hidratos de carbono ou glicídios ou açúcares) compostos por

Leia mais

Sucessão Ecológica. Introdução. Comunidades Clímax. Sucessão Ecológica Primaria

Sucessão Ecológica. Introdução. Comunidades Clímax. Sucessão Ecológica Primaria Sucessão Ecológica Introdução As comunidades estáveis ou de clímax existem num fluxo continuo, ou seja, os indivíduos de uma espécie são sempre substituídos por outros da mesma espécie, sem que haja alternância

Leia mais

Processo Seletivo 2009-1

Processo Seletivo 2009-1 Processo Seletivo 2009-1 GRUPO 2 UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO CENTRO DE SELEÇÃO UFG CADERNO DE RESPOSTAS ESPERADAS 29/01/2009 Biologia O Centro de Seleção da Universidade Federal

Leia mais

1. Os principais carboidratos de reserva nos vegetais e animais são, respectivamente:

1. Os principais carboidratos de reserva nos vegetais e animais são, respectivamente: COLÉGIO JOÃO PAULO I ENSINO MÉDIO 2009 CITOLOGIA PROF. XANDI 1. Os principais carboidratos de reserva nos vegetais e animais são, respectivamente: a) amido e glicogênio b) glicose e maltose c) sacarose

Leia mais

METABOLISMO DE AMI OÁCIDOS

METABOLISMO DE AMI OÁCIDOS METABOLISMO DE AMI OÁCIDOS As proteínas constituintes dos organismos estão continuamente sendo renovadas (turnover das proteínas). * Os aminoácidos presentes nas células animais originam-se das proteínas

Leia mais

NOMENCLATURA DE MOLÉCULAS ORGÂNICAS

NOMENCLATURA DE MOLÉCULAS ORGÂNICAS NOMENCLATURA DE MOLÉCULAS ORGÂNICAS NOMENCLATURA A principal finalidade da nomenclatura química é a identificação de espécies químicas por meio de palavras escritas ou pronunciadas. Há dois tipos: - nomenclatura

Leia mais

AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA DE CIÊNCIAS

AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA DE CIÊNCIAS SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO DE MINAS GERAIS SUPERINTENDENCIA REGIONAL DE ENSINO DE ITAJUBÁ DIRETORIA EDUCACIONAL sre.itajuba.dire@educacao.mg.gov.br Rua Tabelião Tiago Carneiro Santiago, 364 BPS Itajubá

Leia mais

FICHA (IN)FORMATIVA Nº 3 Biologia e Geologia Módulo 2. Célula

FICHA (IN)FORMATIVA Nº 3 Biologia e Geologia Módulo 2. Célula FICHA (IN)FORMATIVA Nº 3 Biologia e Geologia Módulo 2 A célula e o transporte transmembranar Célula Teoria celular a célula é a unidade estrutural e funcional de todos os organismos; as novas células formam-se

Leia mais

Introdução. Escola Secundária de Lagoa. Sebenta de Estudo. Física e Química A. Unidade Dois Na Atmosfera da Terra: radiação, matéria e estrutura

Introdução. Escola Secundária de Lagoa. Sebenta de Estudo. Física e Química A. Unidade Dois Na Atmosfera da Terra: radiação, matéria e estrutura Escola Secundária de Lagoa Física e Química A 10º Ano Paula Melo Silva Sebenta de Estudo Unidade Dois Na Atmosfera da Terra: radiação, matéria e estrutura Introdução 2.1. Evolução da atmosfera breve história

Leia mais

BIOLOGIA. e) os seres heterótrofos produzem, por meio da fotossíntese,

BIOLOGIA. e) os seres heterótrofos produzem, por meio da fotossíntese, BIOLOGIA 25 O equilírio da vida no planeta é conseqüência das relações de interdependência entre seres autótrofos e heterótrofos. Assim, é correto afirmar que a) os seres autótrofos produzem, por meio

Leia mais

Aula 8 Síntese de proteínas

Aula 8 Síntese de proteínas Aula 8 Síntese de proteínas As proteínas que podem ser enzimas, hormônios, pigmentos, anticorpos, realizam atividades específicas no metabolismo dos seres vivos. São produzidas sob o comando do DNA. Observe

Leia mais

QUÍMICA REVISÃO 1 INTERATIVIDADE. Unidade IV. Reações químicas e cálculo estequiométrico.

QUÍMICA REVISÃO 1 INTERATIVIDADE. Unidade IV. Reações químicas e cálculo estequiométrico. Unidade IV Reações químicas e cálculo estequiométrico. 2 Aula 16.1 Conteúdo: Revisão e avaliação da unidade IV. 3 O que é uma reação química? É uma transformação em que novas substâncias são formados a

Leia mais

PlanetaBio Resolução de Vestibulares UFRJ 2008 2ª fase

PlanetaBio Resolução de Vestibulares UFRJ 2008 2ª fase 1- Na China, os pulgões da espécie Toxoptera aurantii causam grandes prejuízos às plantações de Chá Preto (Camellia sinensis). O gráfico a seguir mostra os resultados de duas experiências, feitas em laboratório,

Leia mais

Características gerais

Características gerais Reino das Plantas Características gerais São organismos: Eucariontes Pluricelulares Autótrofos Possuem diversos pigmentos, como os fotossintetizantes e os acessórios. Características gerais Capacidade

Leia mais

AS TRANSFORMAÇÕES DA MATÉRIA.

AS TRANSFORMAÇÕES DA MATÉRIA. AS TRANSFORMAÇÕES DA MATÉRIA. Toda e qualquer alteração que a matéria venha a sofrer é denominada de transformação ou fenômeno. Algumas transformações (fenômenos) são reversíveis, isto é, podem ser desfeitas

Leia mais

A ORIGEM DA VIDA. A Ideia da Geração Espontânea. Lixo gera moscas?

A ORIGEM DA VIDA. A Ideia da Geração Espontânea. Lixo gera moscas? A ORIGEM DA VIDA A Ideia da Geração Espontânea Lixo gera moscas? Uma ideia bastante antiga, dos tempos de Aristóteles, é a de que seres vivos podem surgir por geração espontânea. Apesar de se conhecer

Leia mais

ENERGIA. (dependentes da luz solar) como produtores de energia e, portanto, a base de toda a cadeia alimentar.

ENERGIA. (dependentes da luz solar) como produtores de energia e, portanto, a base de toda a cadeia alimentar. Luz Solar ENERGIA Sabemos que o Sol é a fonte de toda energia luminosa responsável pela existência da vida na Terra. As mais diversas formas de energia são, de alguma maneira, originadas pela influência

Leia mais

1

1 Níveis de dificuldade das Questões Fácil Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul Médio Difícil Resolução da Prova de Química Vestibular Verão PUCRS 2005 Prof. Emiliano Chemello www.quimica.net/emiliano

Leia mais

1 2 3 4 5 6 Total. Nota: Apresente todos os cálculos que efectuar

1 2 3 4 5 6 Total. Nota: Apresente todos os cálculos que efectuar 12 de Março 2011 (Semifinal) Pergunta 1 2 3 4 5 6 Total Classificação Escola:. Nome:. Nome:. Nome:. Nota: Apresente todos os cálculos que efectuar Dados: Questão 1 Constante de Avogadro: N A = 6,022 x

Leia mais

Biologia LISTA DE RECUPERAÇÃO. Professor: Wellington SÉRIE: 3º ANO DATA: 01 / 07 / 2016

Biologia LISTA DE RECUPERAÇÃO. Professor: Wellington SÉRIE: 3º ANO DATA: 01 / 07 / 2016 LISTA DE RECUPERAÇÃO Professor: Wellington Biologia SÉRIE: 3º ANO DATA: 01 / 07 / 2016 Lista de exercícios para Recuperação 2º bimestre 1. (Fuvest 2013) A tabela traz os comprimentos de onda no espectro

Leia mais

Química 1 Cecília e Regina 2ºEM/TI 2º. Química 1-2ºTI

Química 1 Cecília e Regina 2ºEM/TI 2º. Química 1-2ºTI 2º anos - 2012 Matéria Professor(a) Ano/Série Turma Data Trimestre Química 1 Cecília e Regina 2ºEM/TI 2º Aluno(a) Número Observação Química 1-2ºTI Projeto de Recuperação Paralela Atividades podem ser feitas

Leia mais

INTRODUÇÃO. Na antiguidade, as substâncias encontradas na natureza eram divididas em três grandes reinos: O vegetal, o animal e o mineral.

INTRODUÇÃO. Na antiguidade, as substâncias encontradas na natureza eram divididas em três grandes reinos: O vegetal, o animal e o mineral. A QUÍMICA ORGÂNICA INTRODUÇÃO Na antiguidade, as substâncias encontradas na natureza eram divididas em três grandes reinos: O vegetal, o animal e o mineral. INTRODUÇÃO A química orgânica começou estudando

Leia mais

Aula 2. Teias alimentares, Cadeias Alimentares e Pirâmides Ecológicas.

Aula 2. Teias alimentares, Cadeias Alimentares e Pirâmides Ecológicas. Aula 2 Teias alimentares, Cadeias Alimentares e Pirâmides Ecológicas. Introdução Segundo sua definição (ver aula 1), em ecologia podemos estudar as relações entre os indivíduos do meio biótico, seja ao

Leia mais

Geralmente é arredondado e único por célula, mas existem núcleos com outras formas e células com mais de um núcleo

Geralmente é arredondado e único por célula, mas existem núcleos com outras formas e células com mais de um núcleo Núcleo Celular Geralmente é arredondado e único por célula, mas existem núcleos com outras formas e células com mais de um núcleo Núcleo Celular Algumas células não têm núcleo (são anucleadas), como as

Leia mais

Átomos Moléculas Íons Biomoléculas. Matéria é formada por Átomos. Obs.: teoria confirmada apenas no início do século XX.

Átomos Moléculas Íons Biomoléculas. Matéria é formada por Átomos. Obs.: teoria confirmada apenas no início do século XX. Átomos Moléculas Íons Biomoléculas Estrutura da Matéria Matéria é formada por Átomos Obs.: teoria confirmada apenas no início do século XX. Os átomos dificilmente existem livres e possuem grande tendência

Leia mais

REAÇÕES QUÍMICAS e FUNÇÕES QUÍMICAS INORGÂNICAS RELATÓRIOS

REAÇÕES QUÍMICAS e FUNÇÕES QUÍMICAS INORGÂNICAS RELATÓRIOS 1 ESCOLA ESTADUAL PROFESSOR LÉO KOHLER ENSINO FUNDAMENTAL TERRA BOA - PARANÁ REAÇÕES QUÍMICAS e FUNÇÕES QUÍMICAS INORGÂNICAS RELATÓRIOS DISCIPLINA: CIÊNCIAS ALUNO (A): N 9ª Professora: Leonilda Brandão

Leia mais

Célula Procarionte X Célula Eucarionte

Célula Procarionte X Célula Eucarionte Célula Procarionte X Célula Eucarionte Células procarióticas (grego protos, primitivo, e Karyon, núcleo) Núcleo antigo Surgimento a bilhões de anos atrás Bactérias e Cianobactérias (algas) Não apresenta

Leia mais

Química na cozinha: A família de seu Raimundo preparava-se

Química na cozinha: A família de seu Raimundo preparava-se A U A UL LA Acesse: http://fuvestibular.com.br/ Química na cozinha: reações químicas Atenção A família de seu Raimundo preparava-se para mais um dia de trabalho e estudo. Foi quando dona Sônia percebeu

Leia mais

Aula 14 - Replicação celular e Metabolismo. Armazenamento de energia. "Força Vital"

Aula 14 - Replicação celular e Metabolismo. Armazenamento de energia. Força Vital Astrobiologia Mestrado e Doutorado em Física e Astronomia Prof. Dr. Sergio Pilling Aluno: Caroline Gonçalves de Góes Aula 14 - Replicação celular e Metabolismo. Armazenamento de energia. "Força Vital"

Leia mais

LISTA DE EXERCÍCIOS REAÇÕES ORGÂNICAS

LISTA DE EXERCÍCIOS REAÇÕES ORGÂNICAS Nome: nº: Ensino: Curso Pré-Vestibular ano/série: Componente Curricular: Química Professor: Ricardo Honda Data: / / 2011 LISTA DE EXERCÍCIOS REAÇÕES ORGÂNICAS 1) (FUVEST 2010 1ª Fase) Em um experimento,

Leia mais

RECUPERAÇÃO PARALELA Semana de 02/04 e de 16/04/12 6º ano

RECUPERAÇÃO PARALELA Semana de 02/04 e de 16/04/12 6º ano RECUPERAÇÃO PARALELA Semana de 02/04 e de 16/04/12 6º ano Leitura, compreensão e interpretação de um texto 1- VOCABULÁRIO Um texto é composto de palavras e para podermos compreender um trecho do texto

Leia mais

I OLIMPÍADA DE QUÍMICA DO GRANDE ABC - 13/06/2015 ENSINO MÉDIO - FASE 2

I OLIMPÍADA DE QUÍMICA DO GRANDE ABC - 13/06/2015 ENSINO MÉDIO - FASE 2 I OLIMPÍADA DE QUÍMICA DO GRANDE ABC - 13/06/2015 ENSINO MÉDIO - FASE 2 INSTRUÇÕES: 1. A prova consta de 3 questões discursivas (5 pontos cada) e de 17 questões objetivas (1 ponto cada), cada uma com 4

Leia mais