CAMPANHA DE SENSIBILIZAÇÃO E CONSCIENTIZAÇÃO TURÍSTICA Comunidade Turismo, Agite esta Ideia.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CAMPANHA DE SENSIBILIZAÇÃO E CONSCIENTIZAÇÃO TURÍSTICA Comunidade Turismo, Agite esta Ideia."

Transcrição

1 0 AÇÃO CONJUNTA DE REVITALIZAÇÃO E DESENVOLVIMENTO ACORDE SÃO JOAQUIM-SC CAMPANHA DE SENSIBILIZAÇÃO E CONSCIENTIZAÇÃO TURÍSTICA Comunidade Turismo, Agite esta Ideia. Dezembro, 2009

2 1 AÇÃO CONJUNTA DE REVITALIZAÇÃO E DESENVOLVIMENTO ACORDE SÃO JOAQUIM-SC CAMPANHA DE SENSIBILIZAÇÃO E CONSCIENTIZAÇÃO TURÍSTICA Comunidade - Turismo, Agite esta ideia Dezembro, 2009

3 2 GOVERNO DO ESTADO DE SANTA CATARINA SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO REGIONAL SÃO JOAQUIM - SC UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAÍ CURSO DE TURISMO E HOTELARIA BALNEÁRIO CAMBORIÚ - SC

4 3 Elaboração: Equipe UNIVALI - Projetos Especiais Coordenadores do Projeto Profª. Dra. Doris van de Meene Ruschmann Prof. Dr. Carlos Alberto Tomelim Profª. MSc. Sílvia Regina Cabral Profª. MSc. Marlene Buratto Responsável Financeiro MSc. Janaina Tomio Coordenador Técnico Prof. MSc. Rafael Fachini Moratelli Equipe Técnica Bel. Grasiela Schumann Rosa Bel. Léa Dutra Correa Bel. Luciana Oderdenge Bel. Marília Nunes Antunes Bel. Regiani Cordova Mendes

5 4 SUMÁRIO 1INTRODUÇÃO OBJETIVOS Objetivo Geral Objetivos Específicos ANÁLISE ESTRUTURAL DO TURISMO NA REGIÃO Caracterização da região Diagnóstico da situação problema PÚBLICO ALVO OPERACIONALIZAÇÃO DA CAMPANHA Operacionalização da Campanha Área de abrangência Organização dos Recursos Humanos Desenvolvimento das atividades Análise dos resultados finalísticos da campanha CRONOGRAMA DE AÇÃO IDENTIDADE VISUAL DA CAMPANHA Marca Marca Slogan Meios utilizados para a operacionalização da Campanha Meios impressos Meios especiais Meios Eletrônicos Acontecimentos Especiais INVESTIMENTO Recursos materiais e equipamentos Recursos humanos Recursos financeiros totais REFERÊNCIAS APÊNDICE... 26

6 5 1 INTRODUÇÃO A atividade turística expandiu-se principalmente a partir do século passado, tornando-se um importante setor na economia mundial, despertando cada vez mais atenção do setor público e da iniciativa privada. Sabe-se, entretanto, que para se obter benefícios desta atividade, torna-se necessário um adequado planejamento, principalmente, por meio de parcerias entre o trade turístico e poder público. É importante que a população autóctone também esteja engajada no desenvolvimento desta atividade. Os municípios da região de São Joaquim possuem diversos atributos para que a atividade turística se desenvolva. No entanto, devido ao fato de ser uma região com municípios de baixa densidade demográfica, de hábitos rurais e ter na agricultura, sobretudo, no cultivo da maçã sua principal fonte de renda (PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JOAQUIM, 2009), o turismo não é uma prioridade. As pessoas não despertaram para a atividade turística, pois culturalmente, o serrano não é empreendedor e não investe em equipamentos turísticos, nem na qualificação da mão-de-obra. Neste sentido, a mudança destes valores pode ocorrer com o desenvolvimento de um trabalho contínuo de conscientização da população sobre a importância do turismo para a região. Segundo o Ministério do Turismo (2008, p. 41): Sensibilizar é oferecer às pessoas da comunidade ou da região os meios e os procedimentos que as façam perceber novas possibilidades e lhes permitam enfrentar as mudanças e as transformações necessárias quando se adota uma nova postura frente ao turismo. Sendo assim, o presente trabalho tem como objetivo sensibilizar e conscientizar a comunidade da região de São Joaquim sobre a importância do turismo sustentável, enfatizando o bom atendimento, buscando assim, a satisfação e a qualidade na prestação dos serviços.

7 6 Conforme Ruschmann (1990, p.95) o serviço oferecido por uma destinação turística deve ser percebido por quem usufrui com algo que o satisfaça, gratificando-o pela experiência de tê-lo vivenciado. O problema da falta de conhecimento da população sobre o turismo foi observado devido à grande insatisfação evidenciada em jornais e revistas e na própria mídia televisiva por parte das pessoas que visitam os municípios da Serra Catarinense. Sendo assim, esta campanha será importante para que a população tenha consciência dos reais benefícios da atividade turística e dos impactos negativos que devem ser eliminados ou amenizados no desenvolvimento do turismo sustentável.

8 7 2 OBJETIVOS 2.1 Objetivo Geral Sensibilizar e conscientizar a comunidade da região de São Joaquim sobre a importância do turismo sustentável. 2.2 Objetivos Específicos Ampliar o conhecimento da população em relação ao turismo; Demonstrar a importância da atividade como instrumento de crescimento econômico, social e cultural; Desenvolver estratégias para que a população conheça os atrativos turísticos da região; Elaborar materiais e ferramentas de suporte para a execução da campanha; Promover eventos para estimular o engajamento do público alvo; Avaliar os resultados da campanha.

9 8 3 ANÁLISE ESTRUTURAL DO TURISMO NA REGIAO 3.1 Caracterização da região A região de São Joaquim, localizada na Serra Catarinense, a qual compreende os municípios de Bom Jardim da Serra, Bom Retiro, Rio Rufino, São Joaquim, Urubici e Urupema. Está localizada, mais precisamente, no planalto catarinense que pertence a Meso-região Serrana e a Micro Região dos Campos de Lages. Os acessos se dão através das rodovias BR 282 e a SC 438, ambas asfaltadas. Os municípios possuem uma área geográfica de 5.529,70 metros quadrados. Entre os dados gerais em média a taxa de urbanização da região é na faixa de 63,88%, menor que a média do Estado (78,7%). A infraestrutura básica da região tem 65% de redes de abastecimento de água, 90% de sistema de energia elétrica, 20% de tratamento de esgoto e por fim, 63% dos domicílios são atendidos pela coleta de lixo (IBGE 2007). A população de aproximadamente 51 mil habitantes (IBGE, 2005) tem no setor agropecuário sua principal fonte de renda. Entre as principais atividades estão: feijão, batata, maçã, mel, milho, leite, carne, hortaliças, goiaba e pêra. Estas atividades são propícias devido ao clima ameno da região. A renda média per capita da região de São Joaquim é de R$ 7.347,94 (2003) e o índice de desenvolvimento humano médio IDH-M varia de 0,732 em Bom Retiro a 0,785 em Urubici. Encontram-se também cinco operadoras de comunicação móvel na região, sendo que alguns municípios não possuem todas. Entretanto, 23,8% dos domicílios possuem linhas telefônicas. 3.2 Diagnóstico da situação problema O desenvolvimento do turismo se encontra em fase inicial na região, ainda verificase que a atividade vem sendo organizada de forma amadora. Totalizam-se na região leitos entre pousadas e hotéis, com capacidade para pessoas no

10 9 atendimento em restaurantes, bares e similares. No entanto, a qualificação, infraestrutura e a participação da comunidade precisam ser mais bem trabalhadas. Entretanto, é necessário que o desenvolvimento regional seja baseado em estratégias com embasamento em pesquisas e com apoio da comunidade local. Sendo essa última a responsável pela implantação de ações voltadas ao turismo, buscando minimizar os impactos sociais e ambientais. O planejamento turístico envolve uma série de fatores, para desenvolvê-lo é preciso ter uma visão sistêmica da atividade, pois o cuidado que se precisa ter é desde os aspectos ambientais e culturais da destinação até os sociais e econômicos, sem deixar que a comunidade local fique a margem deste sistema. Diante da situação do turismo na região de São Joaquim, obter a participação da população local é importante, pelo fato da mesma estar sendo preparada para atender e receber o que a atividade turística proporciona. Como também, estarem cientes do efeito multiplicador de um turismo bem planejado. A campanha de conscientização vem ao encontro desta necessidade. Minimizando os impactos que o turismo traz e informando a população dos benefícios que a atividade pode resultar, bem como, apresentar o que cada pessoa pode colaborar para o desenvolvimento do turismo em seu município.

11 10 4 PÚBLICO ALVO O público alvo escolhido para esta campanha será a comunidade dos seis municípios pertencentes à Secretaria de Estado de Desenvolvimento Regional de São Joaquim (SDR): Bom Jardim da Serra, Bom Retiro, Rio Rufino, São Joaquim, Urubici e Urupema. Sendo que o intuito é conscientizar as pessoas sobre a importância que o turismo pode representar para os municípios, além de impulsionar a economia. O interesse é preparar todas as pessoas para receber o turista com cordialidade, saber orientar e prestar informações sobre o seu município, com conhecimentos gerais e atrativos turísticos, além da valorização dos costumes, gastronomia e cultura local. O objetivo da campanha é atingir cerca de pessoas. Com a prática do desenvolvimento da campanha, visa-se que a população participante, irá repensar e aderir conceitos de preservação, e até mesmo auxiliar no processo de resgate da cultura, pois além de ser visível o crescimento da atividade turística, o mesmo auxilia direta ou indiretamente na vida destas comunidades que vivem na Serra Catarinense.

12 11 5 OPERACIONALIZAÇÃO DA CAMPANHA TÉCNICAS E PROCEDIMENTOS 5.1 Operacionalização da Campanha Área de Abrangência Os municípios a serem atingidos serão os pertencentes à Secretaria de Desenvolvimento Regional de São Joaquim (SDR): Bom Jardim da Serra, Bom Retiro, Rio Rufino, São Joaquim, Urubici e Urupema Organização dos Recursos Humanos A mão-de-obra necessária para desenvolver as atividades serão monitores, serviços gerais (limpeza e montagem) e mão-de-obra terceirizada como: sonorização, palhaços, malabaristas, pernas de pau, pintores de rosto, mágicos, além dos voluntários. A quantidade de pessoas envolvidas pode ser analisada a seguir: Tabela 1: Profissionais Envolvidos FUNÇÃO QUANTIDADE Monitores 10 Voluntários 15 Serviços Gerais 03 Limpeza 02 Sonorização 01 Carro de som 06 Fonte: Equipe Técnica, TOTAL Desenvolvimento das atividades A campanha terá duração de cinco semanas, onde na primeira semana será reservada para o planejamento das etapas seguintes. Na segunda semana de abril

13 12 serão fixados banners em todas as cidades participantes, divulgando a campanha com informações sobre a programação. Sendo: 05 banners em Bom Jardim da Serra, 05 banners em Bom Retiro, 05 banners em Rio Rufino, 10 banners em São Joaquim, 10 banners em Urubici e 05 banners em Urupema. Para finalizar a campanha todos os municípios serão convidados a participar da I ª Parada da Consciência Turística, que acontecerá na última semana no domingo em São Joaquim por ser sede da Secretaria de Desenvolvimento Regional e município indutor. O evento acontecerá nas ruas que contornam a Praça João Ribeiro, pela mesma já estar equipada com Concha Acústica e sanitários públicos. O evento iniciará a partir das 15 horas, com atrações freqüentes durante todo o dia, como: cama elástica, palhaços, malabaristas, pernas de pau, pintores de rostos, mágicos, lacraia (bicicleta articulada de 62 metros com 33 lugares), shows regionais, feira de artesanato, além de pratos típicos regionais. Ainda serão distribuídos kits em sacolas retornáveis contendo: camisetas, bonés, adesivos (18x 9 cm) e folders com o conteúdo de conscientização turística, sendo que todos os itens terão a marca da campanha estampada. Como o intuito da campanha é conscientizar as pessoas sobre a importância do turismo e de como é fundamental embelezar a cidade, serão também doadas mudas de flores, além de uma cartilha junto com o kit descrito acima. Na Tabela 2 será descrito a quantidade de brindes: Tabela 2: Quantidade de brindes BRINDES QUANTIDADE Adesivos Camisetas Sacolas Retornáveis Bonés Folders Banners 40

14 13 BRINDES QUANTIDADE Mudas de Flores TOTAL Fonte: Equipe Técnica, A divulgação da campanha será através dos seguintes meios: rádios, banners, links nos principais sites da região, comunidades em sites de relacionamentos (orkut), carros de som e mailing list. Na rádio serão feitas 03 chamadas diárias para o anúncio 1 (chamada direta) na quinta semana de março e na primeira semana de abril. No anúncio 2 (chamada detalhada) serão 03 chamadas diárias na segunda e terceira semana de abril. Os anúncios serão feitos nas rádios de São Joaquim: Nevasca FM e Difusora AM, em Urubici Novo Tempo FM e Gralha Azul AM, em Bom Jardim da Serra Cambajuva FM, Bom Retiro Portal da Serra FM, Urupema Nativa FM. Os links serão feitos nos principais sites da região na segunda semana de abril, além disso, será criada uma comunidade de apoio a campanha em site de relacionamento (orkut) durante o período de execução da mesma. Em cada município abrangente da campanha terá um carro de som falando sobre a parada e também informações de conscientização turística na segunda e terceira semana de abril. Os folders serão enviados em mailing list para os associados das principais entidades da região. Ainda durante a I ª Parada da Consciência Turística ocorrerá uma pequena amostra de produtos regionais, como: artesanato e gastronomia. Este terá como intuito fazer o intercâmbio de seus produtos entre os municípios da SDR de São Joaquim, uma parceria entre as prefeituras e o Sebrae, onde cada município terá um ponto de venda. Da mesma forma, a culinária regional ficará sob responsabilidade das prefeituras reunirem pratos durante o evento para comercialização.

15 Análise dos resultados finalísticos da campanha Para analisar os resultados da campanha de conscientização turística, será contabilizado o número de visitantes pela Polícia Militar, durante a Parada, além de uma lista de participantes que estará disponível no momento da entrega do kit. No final da Parada será distribuída uma pesquisa de avaliação sobre a presente campanha de conscientização turística, voltada à comunidade.

16 15 6 CRONOGRAMA DE AÇÃO AÇÃO Confecção dos Folders Confecção dos Adesivos Confecção dos Banners Confecção das sacolas Encomenda das mudas Agendamento com a sonorização Agendamento com a banda Agendamento com a recreação Agendamento da Lacraia Quadro 1: Cronograma de ação. Fonte: Equipe Técnica, Semana 1 Semana 2 Divulgação da rádio - anúncio 1 MÊS: ABRIL Semana 3 Semana 4 Divulgação da rádio - anúncio 2 Fixação dos banners Site Disparo Mailing list Criação da comunidade do Orkut Distribuir cartilhas Distribuir folders e adesivos nas palestras Divulgação do carro Distribuição dos folders e adesivos locais estratégicos Semana 5 Montagem da parada Dia da parada Distribuição das mudas Distribuição dos kits Realização da recreação Apresentação da Lacraia Realização do show

17 16 7 IDENTIDADE VISUAL DA CAMPANHA 7.1 Marca Figura 1: Marca. Fonte: Equipe Técnica, Logomarca A logomarca da Campanha de Conscientização Turística foi escolhida pensando em alertar as pessoas para turismo. A imagem da flor dente de leão faz relação com o despertar para a atividade turística, algo que ainda está adormecido em algumas pessoas que não estão envolvidas com o desenvolvimento da atividade, além da relação que existe em agite para aqueles que de alguma maneira já contribuem com o turismo. As cores verdes foram utilizadas com o intuito de transmitir dinamismo e uma seriedade à Campanha de Conscientização aliada ao conceito de sustentabilidade com o intuito de destacar a palavra agite, principal objetivo da logomarca, tornando-a mais clean e com poucos traços.

18 Slogan O slogan escolhido para esta campanha é TURISMO, Agite esta Idéia. Tem como objetivo transmitir uma idéia simples e direta, de conscientizar as pessoas da importância que pequenas ações causam no desenvolvimento do município. Mesmo aqueles que não participam ou trabalham com o turismo podem de alguma maneira ser agentes multiplicadores e que, cada um fazendo sua parte, contribui para o desenvolvimento do turismo. 7.2 Meios utilizados para a operacionalização Meios Impressos Cartilha A cartilha será um dos principais meios de divulgação. A quantidade de exemplares será distribuída juntamente com a muda de flor no dia da Parada. O tamanho da cartilha será de 13 cm x 15 cm com 10 páginas de frente e verso, sendo que serão impressas em papel reciclável. Nela conterá informações sobre: Formas de embelezamento da cidade: neste item será abordado estratégias de como cada pessoa pode colaborar com o turismo, através de suas casas. Ações como pintura, jardins, limpeza das calçadas e conservação de suas casas e empreendimentos. Questões ambientais: Apresentar curiosidades sobre como reciclar materiais, demonstrar a importância do cuidado com o lixo; os reflexos das queimadas no meio ambiente e sobre o impacto visual causado pelo descuido e falta de manutenção da cidade. Formas de atendimento: apresentar pequenos exemplos que fazem a diferença no bom atendimento e na prestação de um serviço de qualidade, a importância de adequar os horários de funcionamento a demanda turística, a postura na apresentação pessoal e a importância do conhecimento do que a cidade oferece.

19 18 Sinopse dos municípios: apresentar dados gerais de cada município e ilustrar os principais atrativos turísticos. Mapa de localização: apontar a localização dos municípios pertencentes à região da SDR de São Joaquim. Folder Os folders irão conter informações para facilitar o entendimento e passar uma orientação baseada em noções rápidas de conhecimento. O mesmo terá um tamanho de 21 cm x10 cm, com as respectivas informações: os 10 mandamentos para o bom atendimento, curiosidades sobre lixo e dicas de embelezamento dos municípios. Além disso, o folder irá conter a logo da campanha e informações sobre o evento I ª Parada da Consciência Turística. Serão distribuídos folders em pontos estratégicos dos municípios e no dia do evento. Banner Figura 2: Folder. Fonte: Equipe Técnica, Os banners confeccionados serão fixados, na segunda semana de abril, em postes no centro das cidades. Nele conterá informações sobre o dia da parada, como local,

20 19 horário e o convite para participar. A marca da campanha estará estampada para melhor fixação. Serão colocados 40 banners, sendo que São Joaquim e Urubici terão 10 banners cada e os demais municípios 5 banners. Figura 3: Banner. Fonte: Equipe Técnica, Adesivo Os adesivos serão confeccionados para que a marca da campanha esteja presente em vários lugares após a realização da mesma. A quantidade distribuída será de unidades em pontos estratégicos dos municípios e durante a Parada. Seu tamanho será de 10 cm x 10 cm e com fundo branco para melhor visualização.

21 20 Figura 4: Adesivo. Fonte: Equipe Técnica, Meios especiais Sacola Retornável As sacolas retornáveis farão parte do kit que será distribuído no dia da Parada, o qual conterá folders, camisetas, adesivos e bonés. Ao todo serão sacolas de 40 cm 50 cm. Estas conterão a marca da campanha e também passarão a idéia da responsabilidade ambiental. Figura 5: Sacola Retornável. Fonte: Equipe Técnica, 2009.

22 21 Camiseta As camisetas terão tamanho único com a cor branca. Nela estará estampada a logomarca, tendo assim, a finalidade de fixar o objetivo da campanha. Figura 6: Camiseta. Fonte: Equipe Técnica, Boné Os bonés terão o mesmo desígnio que as camisetas, na quantidade de unidades. O tamanho será único e sua cor será branca para dar destaque à marca da campanha. Figura 7: Boné. Fonte: Equipe Técnica, 2009.

23 22 Carro de som O carro de som estará presente nos seis municípios durante a segunda e terceira semana de abril, informando sobre o evento I ª Parada da Consciência Turística e orientando a população sobre a importância do turismo para o desenvolvimento da região. Os carros serão terceirizados duas vezes por semana em São Joaquim e Urubici com total de 8:00 horas em cada e nos demais municípios duas vezes por semana no total de 4:00 horas em cada Meios Eletrônicos Radio Os anúncios serão feitos nas principais rádios da região com três inserções diárias sendo que o anúncio 1 será feito na última semana e março e na primeira semana de abril e o anúncio 2 na segunda e terceira semana de abril. Anúncio 1 Prepare-se! Vem ai a I ª Parada da Consciência Turística. Anúncio 2 Prepare-se! Vem ai a I ª Parada da Consciência Turística! Traga sua família e venha conferir toda a magia deste dia... vai ter dança, brincadeiras, palhaços, malabaristas e o show de encerramento. Além de uma surpresa durante o dia. Mailing List O mailing list será repassado para as principais associações e secretarias de turismo para que possam ser os agentes multiplicadores das informações sobre a campanha e repassarem o convite para a participação da parada. Os mailing list serão disparados na segunda semana de abril. As informações no mailing list serão no mesmo formato do folder.

24 23 Sites A marca da campanha juntamente com o convite para a participação da parada será divulgado através de um link na página inicial dos sites das Prefeituras, Convention Visitors Bureau e do Portal da Serra Catarinense. Os links estarão nestes sites a partir da segunda semana de abril e terão o mesmo formato dos banners. Comunidade no Orkut A comunidade no orkut terá a finalidade de divulgar a Parada, além de conter uma sinopse sobre a importância do turismo e como cada pessoa pode ser um agente que auxilie no seu desenvolvimento. Inicialmente serão convidadas as associações, comércio e o trade turístico para aderirem à comunidade. A mesma entrará em veiculação na segunda semana de abril Acontecimentos Especiais I ª Parada da Consciência Turística A parada terá como principal objetivo conscientizar a comunidade em relação ao que o turismo poderá proporcionar de acordo com o seu desenvolvimento adequado. Durante o evento acontecerão múltiplas atrações, como: palhaços, malabaristas, pernas de pau, pintores de rosto, mágicos e a lacraia (bicicleta articulada de 62 metros com 33 lugares), estas poderão interagir e até mesmo dialogar sobre o desenvolvimento e a aprovação obtida pela campanha. O evento acontecerá no município de São Joaquim, devido ser a sede da Secretaria de Desenvolvimento Regional de São Joaquim e sendo um dos escolhidos como município indutor do turismo, o mesmo irá se realizar das 15:00 ás 18:00 horas no dia 18 de abril, com show (Os Luzeiros, Pablo Amaral e os Piazitos e Timbre Serrano) de encerramento oferecido ao público que se deslocou de seus municípios e de suas casas para prestigiarem a I Parada da Consciência Turística.

25 24 8 INVESTIMENTO 8.1 Recursos materiais e equipamentos Tabela 3: Recursos materiais e equipamentos. MATERIAIS E EQUIPAMENTOS VALOR QUANTIDADE UNITÁRIO VALOR TOTAL Resma de folha A4 2 R$ 11,30 R$ 22,60 Adesivo 10 cm 10 cm 5000 R$ 0,40 R$ 2000,00 Folder (21cm x10 cm couchê 150g fosco) 5000 R$ 0,35 R$ 1.750,00 Banner de lona 40 R$ 65,00 R$ 2.600,00 Camiseta 3000 R$ 9,95 R$ ,00 Radio (3 inserções por dia) 4 dias R$ 300,00 R$ 1.200,00 Boné 3000 R$ 3,95 R$ ,00 Sacola Retornável 3000 R$ 2,30 R$ 6.900,00 Sites 8 R$ 6,25 R$ 50,00 Cartilha 3000 R$ 1,00 R$ 3.000,00 Mudas de flores 3000 R$ 0,70 R$ 2.100,00 Lacraia 1 R$ 3.000,00 R$ 3.000,00 Transporte da Lacraia 1 R$ 1.900,00 R$ 1.900,00 Carro de som 6 R$ 200,00 R$ 1.200,00 Extras 1 R$ 2.000,00 R$ 2.000,00 Subtotal R$ ,60 Fonte: Papelaria Centenário (SJ), Gráfica União (SJ), Gráfica Graffine (Lages), LG Uniformes (Lages), Site Zuumzuum (SJ), Viveiro de Flores Nunes (SJ), Shopping Atlântico (Balneário Camboriú), Rádio Nevasca FM (SJ), Multimagens Ltda (São Ludgero) Recursos humanos Tabela 4: Recursos materiais e equipamentos. RECURSOS HUMANOS QUANTIDADE VALOR UNITÁRIO VALOR TOTAL Coordenador da campanha 1 R$ 60,00 R$ 1.500,00

26 25 Monitores 10 R$ 40,00 R$ 400,00 Serviços Gerais * 3 R$ 350,00 R$ 1.050,00 Sonorização da concha acústica 1 R$ 500,00 R$ 500,00 Recreadores 12 R$ 541,67 R$ 6.500,00 Bandas 3 R$ 1.800,00 R$ 5.400,00 Subtotal R$ ,00 Fonte: Omega Focus Eventos (SJ), Telemensagens da Neve (SJ), Extreme Sonorização (SJ), Circus (Florianópolis), Banda Timbre Serrano (SJ). * Serviços Gerais: Serão responsáveis em colocar os banners e ajudar na montagem e logística da Parada. 8.3 Recursos Financeiros totais Tabela 5: Recursos materiais e equipamentos. RECURSOS FINANCEIROS TOTAIS VALOR TOTAL Subtotal de Materiais e Equipamentos R$ ,60 Subtotal de Recursos Humanos R$ ,00 TOTAL R$ ,60* * O valor total do investimento poderá sofrer reajustes. Para que os custos sejam minimizados por parte da executora da campanha, uma alternativa seria buscar parcerias através do FUNTURISMO, o qual pode auxiliar na captação de recursos para a realização da mesma.

27 26 REFERÊNCIAS ACORDE Projeto Acorde. Relatório das Descrições das Potencialidades Turísticas, BRASIL, MINISTÉRIO DO TURISMO. Secretaria de Políticas de Turismo Programa de Qualificação a Distância para o Desenvolvimento do Turismo: sensibilização, mobilização, institucionalização da instância de governança regional [Brasília]: o Ministério: Florianópolis: SEaD/UFSC, INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE, Disponível em: <http://www.ibge.gov.br/home/>. Acesso em set. de PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JOAQUIM. Disponível em: Acesso em set. de RUSCHMANN, D. v. M. Turismo e planejamento sustentável: a proteção do meio ambiente. São Paulo: Papirus, 1999.

28 APÊNDICE 27

29 28 UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAÍ UNIVALI Você está sendo convidado(a) para participar, como voluntário(a), em uma pesquisa de avaliação sobre a Campanha de Consciência Turística. Em caso de recusa você não será penalizado de forma alguma. Data: / / 1- Gênero: ( ) Masculino ( ) Feminino 2- Faixa Etária: ( ) De 16 a 25 anos ( ) De 26 a 35 anos ( ) De 36 a 45 anos ( ) Acima de 46 anos 3- Grau de Escolaridade ( ) Ensino Fundamental Incompleto ( ) Ensino Fundamental Completo ( ) Ensino Médio Incompleto ( ) Ensino Médio Completo ( ) Ensino Superior Incompleto ( ) Ensino Superior Completo 4- Sua família está a quanto tempo no Vale dos Vinhedos? ( ) Menos de 5 anos ( ) Até 10 anos ( ) Até 15 anos ( ) Até 20 anos ( ) Até 25 anos ( ) Mais de 26 anos 5- Você se sente beneficiado com o turismo? ( ) Sim ( ) Não Por que? 6- A principal renda da família é proveniente de alguma atividade ligada ao turismo? ( ) Sim Qual (is)? ( ) Não

30 29 7- Você considera que o desenvolvimento do turismo, pode trazer quais benefícios econômicos para a Região de São Joaquim? Concordo Discordo Sem opinião Geração de emprego Geração de renda Diversificação dos postos de trabalhos Desenvolvimento de novos produtos como produtos coloniais, artesanatos, entre outros 8- Você se sente incomodado (a) com as pessoas que visitam a sua região? ( ) Sim Qual (is)? ( ) Não 9- Você considera que a infra-estrutura e serviços dos meios de hospedagem e restaurantes estão adequados para a região? ( ) Sim ( ) Não Por que? 10- Você já faz alguma ação que beneficie a sua cidade? 11- Qual a sua sugestão em relação ao desenvolvimento do turismo na região de São Joaquim? 12- O que lhe motivou a participar da Iª Parada da Consciência Turística? 13- Qual o seu município?

Introdução. Núcleo de Pesquisas

Introdução. Núcleo de Pesquisas Introdução O verão é um período onde Santa Catarina demonstra todo a sua vocação para a atividade turística. Endereço de belas praias, o estado se consolidou como um dos principais destinos de turistas,

Leia mais

EMPRESÁRIO. Impacto econômico. São Joaquim

EMPRESÁRIO. Impacto econômico. São Joaquim Um dos roteiros turísticos de Santa Catarina é sua região serrana. Composta por uma série de pequenos municípios, os atrativos da Serra Catarinense vão além do inverno de frio intenso e belezas naturais,

Leia mais

PROJETO SÃO SEBASTIÃO TEM PARQUE

PROJETO SÃO SEBASTIÃO TEM PARQUE PROJETO SÃO SEBASTIÃO TEM PARQUE FASE II Estrada da Praia Brava: Adequação da Visitação Pública do Parque Estadual Serra do Mar Proponente: Ambiental Litoral Norte OSCIP PROJETO SÃO SEBASTIÃO TEM PARQUE

Leia mais

ESCOLA MUNICIPAL DE PERÍODO INTEGRAL IRMÃ MARIA TAMBOSI

ESCOLA MUNICIPAL DE PERÍODO INTEGRAL IRMÃ MARIA TAMBOSI PREFEITURA MUNICIPAL DE LONTRAS SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, CULTURA E ESPORTE ESCOLA MUNICIPAL DE PERÍODO INTEGRAL IRMÃ MARIA TAMBOSI DESPERTANDO AÇÕES SUSTENTÁVEIS LONTRAS 2013 1.TEMA A preservação

Leia mais

UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAÍ CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS COMUNICAÇÃO, TURISMO E LAZER

UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAÍ CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS COMUNICAÇÃO, TURISMO E LAZER UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAÍ CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS COMUNICAÇÃO, TURISMO E LAZER PESQUISA DA OFERTA DOS MEIOS DE HOSPEDAGEM NO MUNICÍPIO DE ITAPEMA Janeiro UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAÍ

Leia mais

[Ano] TERMO DE REFERÊNCIA DO SEBRAE-SP DE ACESSO A MERCADOS PARA CIRCUITOS TURÍSTICOS

[Ano] TERMO DE REFERÊNCIA DO SEBRAE-SP DE ACESSO A MERCADOS PARA CIRCUITOS TURÍSTICOS TERMO DE REFERÊNCIA DO SEBRAE-SP DE ACESSO A MERCADOS PARA CIRCUITOS TURÍSTICOS Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas Unidade Organizacional de Acesso a Mercados Unidade Organizacional

Leia mais

UNIVERSIDADE DO CONTESTADO CAMPUS MAFRA

UNIVERSIDADE DO CONTESTADO CAMPUS MAFRA UNIVERSIDADE DO CONTESTADO PROJETO GERAÇÃO DE RENDA COM USO DE MATERIAIS ALTERNATIVOS Mafra, outubro de 2008. SUMÁRIO 1 APRESENTAÇÃO... 3 2 JUSTIFICATIVA... 3 3 CARACTERIZAÇÃO DO PÚBLICO ENVOLVIDO... 4

Leia mais

Relatório da assessoria de imprensa, peças gráficas e spot desenvolvidos pela agência Fosfato para o Abrace a Serra da Moeda 2015.

Relatório da assessoria de imprensa, peças gráficas e spot desenvolvidos pela agência Fosfato para o Abrace a Serra da Moeda 2015. Relatório da assessoria de imprensa, peças gráficas e spot desenvolvidos pela agência Fosfato para o Abrace a Serra da Moeda 2015. 30 de abril de 2015. Assessoria de imprensa Evento: Abrace a Serra da

Leia mais

Uma perspectiva do turismo em Ponta Grossa: Estudo de Caso do Encontro de Motos Easy Road

Uma perspectiva do turismo em Ponta Grossa: Estudo de Caso do Encontro de Motos Easy Road 8. CONEX Apresentação Oral Resumo Expandido 1 ÁREA TEMÁTICA: EDUCAÇÃO Uma perspectiva do turismo em Ponta Grossa: Estudo de Caso do Encontro de Motos Easy Road Apresentador 1 Ana Paula Cunha Apresentador

Leia mais

INICIATIVA PRIVADA AHCF - Associação de Hotéis de Cabo Frio ACIRB - Associação da Rua dos Biquínis AHB - Associação de Hotéis de Búzios

INICIATIVA PRIVADA AHCF - Associação de Hotéis de Cabo Frio ACIRB - Associação da Rua dos Biquínis AHB - Associação de Hotéis de Búzios INICIATIVA INICIATIVA Um projeto da INICIATIVA PRIVADA (Grupo ABC do Sol) que une as cidades de Arraial do Cabo, Armação dos Búzios e Cabo Frio, representado por: AHCF - Associação de Hotéis de Cabo Frio

Leia mais

Informações. Programação

Informações. Programação Informações & Programação De 21 a 23 de janeiro de 2015 Estação Experimental Copagril Marechal Cândido Rondon PR Um evento para conhecer as novas tecnologias e as tendências do agronegócio nacional e internacional,

Leia mais

A Evolução da Mídia Exterior. Dados Demográfi cos GAROPABA

A Evolução da Mídia Exterior. Dados Demográfi cos GAROPABA A Evolução da Mídia Exterior Dados Demográfi cos GAROPABA GAROPABA Considerada um paraíso à beira-mar, Garopaba possui praias de mar manso e também outras reconhecidas internacionalmente pela prática do

Leia mais

O EVENTO A Maior Feira para Hotelaria e Gastronomia do interior do RJ

O EVENTO A Maior Feira para Hotelaria e Gastronomia do interior do RJ O EVENTO A Maior Feira para Hotelaria e Gastronomia do interior do RJ De 12 a 14 de Agosto de 2014 das 16h às 22h Local: Geribá Tennis Park em Búzios/RJ Tema: O novo perfil do turista: Tendências e Oportunidades

Leia mais

UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAÍ CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS COMUNICAÇÃO, TURISMO E LAZER

UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAÍ CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS COMUNICAÇÃO, TURISMO E LAZER UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAÍ CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS COMUNICAÇÃO, TURISMO E LAZER PESQUISA DA OFERTA DOS MEIOS DE HOSPEDAGEM NO MUNICÍPIO DE LUIS ALVES Janeiro 2013 UNIVERSIDADE DO VALE

Leia mais

LOCAL: UNOESC - VIDEIRA DATA: 26.02.2014

LOCAL: UNOESC - VIDEIRA DATA: 26.02.2014 LOCAL: UNOESC - VIDEIRA DATA: 26.02.2014 Pauta: - SBT na região da BH e Projeto Meio Ambiente; - Fechamento do Projeto FEHIDRO 2013; - Aprovação e criação de câmaras técnicas. LOCAL: SDR - CAÇADOR DATA:

Leia mais

Apresentação de projetos na Bahiatursa

Apresentação de projetos na Bahiatursa Apresentação de projetos na Bahiatursa - Orientações - janeiro/2012 Apresentação A Bahiatursa, empresa oficial de turismo do Estado da Bahia, é vinculada à Secretaria de Turismo do Estado e tem como finalidade

Leia mais

A Evolução da Mídia Exterior. Dados Demográficos TUBARÃO

A Evolução da Mídia Exterior. Dados Demográficos TUBARÃO A Evolução da Mídia Exterior Dados Demográficos TUBARÃO TUBARÃO Tubarão tem como atividades econômicas o comércio, a agricultura e a pecuária, com destaque também para empresas do setor de cerâmica. O

Leia mais

AÇÃO CONJUNTA DE REVITALIZAÇÃO E DESENVOLVIMENTO ACORDE SÃO JOAQUIM-SC

AÇÃO CONJUNTA DE REVITALIZAÇÃO E DESENVOLVIMENTO ACORDE SÃO JOAQUIM-SC 1 AÇÃO CONJUNTA DE REVITALIZAÇÃO E DESENVOLVIMENTO ACORDE SÃO JOAQUIM-SC ESTUDO DE VIABILIDADE DE ROTEIRIZAÇÃO E MERCHANDISING DOS PONTOS TURÍSTICOS Roteiro Enogastronômico Integrado - Caminho do Sabor

Leia mais

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DE COMUNICAÇÃO BR-285/RS

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DE COMUNICAÇÃO BR-285/RS PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DE COMUNICAÇÃO BR-285/RS CENÁRIO A BR-285 inicia em Araranguá, Santa Catarina, e termina em São Borja, no Rio Grande do Sul. Sua extensão total é de 743,6 km, sendo 67,3 km no

Leia mais

7a182015. Participe da Feirasul... ...e bons negócios! Um mundo de oportunidades para você! Outubro. A maior Feira de Negócios do Interior do RS

7a182015. Participe da Feirasul... ...e bons negócios! Um mundo de oportunidades para você! Outubro. A maior Feira de Negócios do Interior do RS Participe da Feirasul... Contate-nos: Fone 51 3715 6844 Celular 51 9911 0698 E-mail luiz@assempscs.com.br Outubro 7a182015...e bons negócios! Realização: Um mundo de oportunidades para você! 1 Realizada

Leia mais

5 a 8 E PATROCÍNIO 3º ENCONTRO INTERNACIONAL DE MERCHANDISING ENGENHARIA DE TECIDOS E MEDICINA REGENERATIVA. novembro 2015

5 a 8 E PATROCÍNIO 3º ENCONTRO INTERNACIONAL DE MERCHANDISING ENGENHARIA DE TECIDOS E MEDICINA REGENERATIVA. novembro 2015 MERCHANDISING E PATROCÍNIO 3º ENCONTRO INTERNACIONAL DE ENGENHARIA DE TECIDOS E MEDICINA REGENERATIVA 5 a 8 novembro 2015 FIERGS PORTO ALEGRE RS BRASIL ONHEÇA... MAIOR CONGRESSO DE MEDICINA REGENERATIVA

Leia mais

PESQUISA FECOMÉRCIO DE TURISMO INVERNO NA SERRA

PESQUISA FECOMÉRCIO DE TURISMO INVERNO NA SERRA PESQUISA FECOMÉRCIO DE TURISMO INVERNO NA SERRA INTRODUÇÃO A Serra Catarinense apresenta características únicas dentro do território brasileiro. Enquanto a grande parte do país vive um inverno bastante

Leia mais

Legado turístico pós-copa: as potencialidades de BH. Roberto Luciano Fagundes Presidente do BHC&VB

Legado turístico pós-copa: as potencialidades de BH. Roberto Luciano Fagundes Presidente do BHC&VB Legado turístico pós-copa: as potencialidades de BH Roberto Luciano Fagundes Presidente do BHC&VB Legado turístico pós-copa: as potencialidades de BH O que é Belo Horizonte Convention & Vistors Bureau

Leia mais

FERRAMENTAS UTILIZADAS PELO SEBRAE / MT

FERRAMENTAS UTILIZADAS PELO SEBRAE / MT MISSÃO SEBRAE Missão: Ser uma organização de desenvolvimento, ética e séria, gerando alternativas de soluções para nossos clientes tornarem-se competitivos alinhados à sustentabilidade da vida. ÁREA DE

Leia mais

Belo Horizonte Responsabilidades do Setor Turístico na Prevenção à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes

Belo Horizonte Responsabilidades do Setor Turístico na Prevenção à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes Belo Horizonte Responsabilidades do Setor Turístico na Prevenção à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes Responsabilidade Multiplicadores* CMDCA, CEDCA, Minist. do Trabalho, Gestor de Política (SETUR

Leia mais

Plano de Comunicação / 2008. O melhor portal de eventos. www.nabaladabh.com.br

Plano de Comunicação / 2008. O melhor portal de eventos. www.nabaladabh.com.br O Melhor Portal de Eventos Em Janeiro de 2004 observamos em Belo Horizonte a carência de um portal que divulgasse os principais eventos da cidade, abrangendo lazer, cultura e entretenimento, nascia o NaBaladaBH.

Leia mais

Salão da CERVEJA Realização: 15, 16 e 17 de outubro/2015 Expo Dom Pedro

Salão da CERVEJA Realização: 15, 16 e 17 de outubro/2015 Expo Dom Pedro Salão da CERVEJA Realização: 15, 16 e 17 de outubro/2015 Expo Dom Pedro Cenário O mercado de cervejas especiais está em expansão no mundo. Nos EUA, respondem por 16% do consumo e pela primeira vez as cervejas

Leia mais

São Francisco do Sul. Masculino 66% 56% 50% 51% 55% Feminino 34% 44% 50% 49% 45%

São Francisco do Sul. Masculino 66% 56% 50% 51% 55% Feminino 34% 44% 50% 49% 45% 1 2 A FECOMÉRCIO SC, com o intuito de mapear o perfil do turista e do empresário do turismo de carnaval em Santa Catarina, realizou uma pesquisa com esses públicos nas quatro cidades de maior movimento

Leia mais

Projeto Joinville In Concert

Projeto Joinville In Concert Projeto Joinville In Concert Relevância do Projeto O Festival Joinville In Concert pretende colocar Santa Catarina no calendário de grandes eventos voltados à divulgação e intercâmbio cultural entre as

Leia mais

DESTINO IGUASSU PLANO DE PATROCÍNIO 2014

DESTINO IGUASSU PLANO DE PATROCÍNIO 2014 DESTINO IGUASSU Com atrativos turísticos conhecidos internacionalmente, uma diversidade de mais de 70 etnias e roteiros de ecoturismo e aventura, o Destino Iguaçu promove o encontro geográfico e cultural

Leia mais

Vencedores do 4º Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor CATEGORIA: TURISMO DE EXCELÊNCIA

Vencedores do 4º Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor CATEGORIA: TURISMO DE EXCELÊNCIA Vencedores do 4º Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor Vencedores Estaduais na categoria Promoção do turismo de excelência CATEGORIA: TURISMO DE EXCELÊNCIA Município de Nova Friburgo RJ Vencedores do 4º

Leia mais

Objetivo(s) de Desenvolvimento do Milênio trabalhado(s) pelo projeto: ODM 7 - Qualidade de vida e respeito ao meio ambiente

Objetivo(s) de Desenvolvimento do Milênio trabalhado(s) pelo projeto: ODM 7 - Qualidade de vida e respeito ao meio ambiente PROJETO NÓS PODEMOS RANCHO ALEGRE - COLETA DE MATERIAIS RECICLÁVEIS. Mostra Local de: Londrina Categoria do projeto: I Projetos em Andamento (projetos em execução atualmente) Nome da Instituição/Empresa:

Leia mais

PLANO DE MOBILIZAÇÃO SOCIAL

PLANO DE MOBILIZAÇÃO SOCIAL PREFEITURA MUNICIPAL DE TAIPAS DO TOCANTINS DO TOCANTINS PLANO MUNICIPAL DE SANEAMENTO BÁSICO PLANO DE MOBILIZAÇÃO SOCIAL CUMPRIMENTO DOS REQUISITOS DA LEI FEDERAL Nº 11.445, DE 05 DE JANEIRO DE 2007 -

Leia mais

Hospede sua marca no único hotel funcional dentro da Equipotel

Hospede sua marca no único hotel funcional dentro da Equipotel Inspirado no sucesso do Espaço Gestão Cozinha Profissional, que há dois anos consolidou-se como sucesso de público e de visitação na FISPAL Food Service, a revista Hotelaria Profissional seguirá os mesmos

Leia mais

PROJETO SERRAÇÃO SENSIBILIZAÇÃO E CONSCIENTIZAÇÃO DA COMUNIDADE DE PIRAQUARA (PR) SOBRE A IMPORTÂNCIA DO TURISMO PARA O MUNICÍPIO

PROJETO SERRAÇÃO SENSIBILIZAÇÃO E CONSCIENTIZAÇÃO DA COMUNIDADE DE PIRAQUARA (PR) SOBRE A IMPORTÂNCIA DO TURISMO PARA O MUNICÍPIO PROJETO SERRAÇÃO SENSIBILIZAÇÃO E CONSCIENTIZAÇÃO DA COMUNIDADE DE PIRAQUARA (PR) SOBRE A IMPORTÂNCIA DO TURISMO PARA O MUNICÍPIO Área Temática: Trabalho Área Temática complementar: Turismo Coordenador:

Leia mais

2.10.2.2. Consciência do Papel do Cidadão no Processo de Desenvolvimento do Setor

2.10.2.2. Consciência do Papel do Cidadão no Processo de Desenvolvimento do Setor 2.10. CAPACITAÇÃO DA POPULAÇÃO PARA TURISMO Este item traz uma abordagem da disposição da população para acolher os turistas, levando em conta, questões sobre seus valores éticos e sua consciência no processo

Leia mais

Passo a passo do Evento

Passo a passo do Evento Passo a passo do Evento 1 Pré-evento Definição do Público Número de convidados e características específicas e segmentadas O público definirá dimensão Porte e abrangência do evento.. Com participação de

Leia mais

CHAMADA PARA APRESENTAÇÃO DE CASOS/EXEMPLOS DE SUCESSO NA IMPLEMENTAÇÃO DO PROGRAMA DE REGIONALIZAÇÃO DO TURISMO ROTEIROS DO BRASIL

CHAMADA PARA APRESENTAÇÃO DE CASOS/EXEMPLOS DE SUCESSO NA IMPLEMENTAÇÃO DO PROGRAMA DE REGIONALIZAÇÃO DO TURISMO ROTEIROS DO BRASIL CHAMADA PARA APRESENTAÇÃO DE CASOS/EXEMPLOS DE SUCESSO NA IMPLEMENTAÇÃO DO PROGRAMA DE REGIONALIZAÇÃO DO TURISMO ROTEIROS DO BRASIL Considerações Gerais Para comemorar os cinco anos do Programa de Regionalização

Leia mais

PROJETO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL Resumo das ações Janeiro a Agosto de 2014

PROJETO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL Resumo das ações Janeiro a Agosto de 2014 PROJETO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL Resumo das ações Janeiro a Agosto de 2014 Educadora Ambiental: Manuelita Stucchi Equipe Aquerê Ambiental - Associação Aquerê Coordenação: Priscilla Valentim Apoio: APEMA Associação

Leia mais

Luís Eduardo Magalhães - Bahia

Luís Eduardo Magalhães - Bahia Luís Eduardo Magalhães - Bahia APRESENTAÇÃO O II Festival Gastronômico de Luís Eduardo Magalhães, denominado II LEM Gastronomia, acontecerá de 01 a 04 de outubro de 2015, no Centro de Eventos Nossa Senhora

Leia mais

Apresentação. O período de matrículas é uma oportunidade para que a escola se comunique de forma mais

Apresentação. O período de matrículas é uma oportunidade para que a escola se comunique de forma mais CAMPANHA DE MATRÍCULAS 2015 Apresentação Prezado Parceiro, O período de matrículas é uma oportunidade para que a escola se comunique de forma mais eficiente e expressiva com seu público-alvo. Um novo

Leia mais

Centro Comunitário Vila Gaúcha. Projeto Experimental II

Centro Comunitário Vila Gaúcha. Projeto Experimental II Centro Comunitário Vila Gaúcha Projeto Experimental II Apresentação da Empresa O Centro Comunitário Vila Gaúcha presta atendimento regular em Educação Infantil, Serviço de Apoio Sócio Educativo, Trabalho

Leia mais

V Ação Nacional FEBRAC Limpeza Ambiental 15 de setembro de 2012

V Ação Nacional FEBRAC Limpeza Ambiental 15 de setembro de 2012 V Ação Nacional FEBRAC Limpeza Ambiental 15 de setembro de 2012 Federação Nacional das Empresas de Serviços de Limpeza Ambiental (FEBRAC) Um dia de cidadania faz o mundo melhor Introdução Após analisar

Leia mais

Apresentação. dessas atividades, a prefeitura disponibilizou um espaço com excelente infraestrutura. Gestão. Rádio Oficial CAMARA MUNICIPAL DE

Apresentação. dessas atividades, a prefeitura disponibilizou um espaço com excelente infraestrutura. Gestão. Rádio Oficial CAMARA MUNICIPAL DE Relatório Apresentação O distrito de Monte Verde recebeu entre os dias 29 de junho e 27 de julho, o Festival de Inverno de Monte Verde. Com duração de vinte e nove dias e uma programação diversificada

Leia mais

Patrus Transportes Urgentes Ltda.

Patrus Transportes Urgentes Ltda. Patrus Transportes Urgentes Ltda. Número de pessoas beneficiadas: 249 Motoristas diretos / 415 Motoristas agregados / Comunidade em geral. Introdução Ação: Campanhas Educativas Direção Consciente: 7 Pecados

Leia mais

PROGRAMA PETROBRAS CULTURAL FESTIVAIS E DIFUSÃO ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS

PROGRAMA PETROBRAS CULTURAL FESTIVAIS E DIFUSÃO ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS PROGRAMA PETROBRAS CULTURAL FESTIVAIS E DIFUSÃO ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS Este documento contém um pequeno descritivo do conteúdo que deve ser inserido em cada um dos campos do formulário de

Leia mais

PROGRAMA CIDADES SUSTENTÁVEIS

PROGRAMA CIDADES SUSTENTÁVEIS PROGRAMA CIDADES SUSTENTÁVEIS 2014 1 Índice 1. Contexto... 3 2. O Programa Cidades Sustentáveis (PCS)... 3 3. Iniciativas para 2014... 5 4. Recursos Financeiros... 9 5. Contrapartidas... 9 2 1. Contexto

Leia mais

MANUAL DE IMPLANTAÇÃO DO PROJETO PAPA-ÓLEO

MANUAL DE IMPLANTAÇÃO DO PROJETO PAPA-ÓLEO MANUAL DE IMPLANTAÇÃO DO PROJETO PAPA-ÓLEO Apresentação O Projeto Papa-Óleo é uma iniciativa da ABRASEL, em parceria com o Ministério do Turismo e o SEBRAE, que visa a estimular a preservação do meio ambiente,

Leia mais

Ministério do Turismo. Ministério do Meio Ambiente

Ministério do Turismo. Ministério do Meio Ambiente do A Campanha Passaporte Verde é uma iniciativa global que visa estimular o turista a adotar uma atitude de consumo responsável, mostrando de que forma suas escolhas podem contribuir para a conservação

Leia mais

Formas de Comprovação de Contrapartidas

Formas de Comprovação de Contrapartidas Formas de Comprovação de Contrapartidas A entidade patrocinada deverá comprovar o cumprimento das contrapartidas estabelecidas no contrato de patrocínio nas formas definidas abaixo: Contrapartidas de Imagem

Leia mais

cidade, envolvemos os cidadãos nas questões que afetam a vida de todos nós. Incentivamos a não

cidade, envolvemos os cidadãos nas questões que afetam a vida de todos nós. Incentivamos a não Eu pratico, e você? APRESENTAÇÃO Desde 2009, a RÁDIO ITATIAIA realiza, em parceria com empresas, um importante convite à sociedade mineira. Mais do que um projeto, o PRATIQUE GENTILEZA é uma convocação

Leia mais

4º Festival Gastronômico do Baixo São Francisco - Penedo/Alagoas. Proposta de Participação Restaurante Local

4º Festival Gastronômico do Baixo São Francisco - Penedo/Alagoas. Proposta de Participação Restaurante Local 4º Festival Gastronômico do Baixo São Francisco - Penedo/Alagoas Proposta de Participação Restaurante Local 4º FESTIVAL GASTRONÔMICO DO BAIXO SÃO FRANCISCO 28 a 30 de Outubro de 2011 UMA FESTA DE SABORES

Leia mais

RESERVA DE ESPAÇOS FÍSICOS NO SISTEMA DE BIBLIOTECAS

RESERVA DE ESPAÇOS FÍSICOS NO SISTEMA DE BIBLIOTECAS RESERVA DE ESPAÇOS FÍSICOS NO SISTEMA DE BIBLIOTECAS Em atendimento à solicitação feita ao da UFG (Sibi/ UFG), no dia / /, confirmamos a liberação do (s) espaço (s) físico (s) abaixo relacionado (s) afim

Leia mais

Fam Tours Press Trips. Cliente Oculto

Fam Tours Press Trips. Cliente Oculto Embarque na Viagem Seu portal de Turismo, Lazer, Entretenimento e Gastronomia. Media Kit 2013 Notícias Fam Tours Press Trips Redes Sociais Publicidade Difenciada Projetos Especiais Perfil Cliente Oculto

Leia mais

ESPAÇOS PÚBLICOS INICIATIVAS INSPIRADORAS. REQUALIFICAÇÃO DA RUA VIDAL RAMOS: Acessibilidade e segurança em rua comercial Florianópolis - SC

ESPAÇOS PÚBLICOS INICIATIVAS INSPIRADORAS. REQUALIFICAÇÃO DA RUA VIDAL RAMOS: Acessibilidade e segurança em rua comercial Florianópolis - SC ESPAÇOS PÚBLICOS INICIATIVAS INSPIRADORAS REQUALIFICAÇÃO DA RUA VIDAL RAMOS: Acessibilidade e segurança em rua comercial Florianópolis - SC ÍNDICE APRESENTAÇÃO A REQUALIFICAÇÃO DA RUA VIDAL RAMOS FASES

Leia mais

Integrantes: André Paes Lemes Caio Fernando Martins Jacqueline David Ferreira da Silva Nathália Peca Renan Alves Soares

Integrantes: André Paes Lemes Caio Fernando Martins Jacqueline David Ferreira da Silva Nathália Peca Renan Alves Soares Integrantes: André Paes Lemes Caio Fernando Martins Jacqueline David Ferreira da Silva Nathália Peca Renan Alves Soares 3 BRIEFING 4 Institucional 1953 Criado o 1º Departamento Nacional de Saúde, que desdobra

Leia mais

IMPLANTAÇÃO DA COLETA SELETIVA EM UMA INSTITUIÇÃO SEM FINS LUCRATIVOS. Oliveira, G.; Conceição. R. L., Delfim, S. L., Irineu, F. R. fririneu@gmail.

IMPLANTAÇÃO DA COLETA SELETIVA EM UMA INSTITUIÇÃO SEM FINS LUCRATIVOS. Oliveira, G.; Conceição. R. L., Delfim, S. L., Irineu, F. R. fririneu@gmail. IMPLANTAÇÃO DA COLETA SELETIVA EM UMA INSTITUIÇÃO SEM FINS LUCRATIVOS Oliveira, G.; Conceição. R. L., Delfim, S. L., Irineu, F. R. fririneu@gmail.com Veris Educacional/Pós Graduação Gestão de Negócios,Laurent

Leia mais

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Atlas de saneamento Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão Guido Mantega INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidente Eduardo

Leia mais

Sua empresa mais competitiva! Projeto de Patrocínio EXPEN 2014

Sua empresa mais competitiva! Projeto de Patrocínio EXPEN 2014 Sua empresa mais competitiva! Projeto de Patrocínio EXPEN 2014 1ª FEIRA DO SUL DO BRASIL COM SOLUÇÕES COMPLETAS DE GESTÃO, SERVIÇOS E TECNOLOGIA PARA A SUA EMPRESA Na EXPEN 2014, você encontrará tecnologia,

Leia mais

27 CBM E EXPOMAN 2012 CATÁLOGO DE MERCHANDISING

27 CBM E EXPOMAN 2012 CATÁLOGO DE MERCHANDISING ANTES DO EVENTO BANNER NO EMAIL MARKETING Desperte interesse do seu cliente! Banner em campanhas de e-mail marketing focadas no público profissional e qualificado do evento. Uma maneira rápida e interativa

Leia mais

14 a 17 de junho de 2017 Goiânia, GO PLANO COMERCIAL

14 a 17 de junho de 2017 Goiânia, GO PLANO COMERCIAL 14 a 17 de junho de 2017 Goiânia, GO PLANO COMERCIAL Ficha Técnica Evento: XVII Congresso da Academia Brasileira de Neurocirurgia Cidade: Goiânia- Goiás Data: 14 a 17 junho de 2017 Expectativa de Público:

Leia mais

ESTUDO DE VIABILIDADE DE ROTEIRIZAÇÃO E MERCHANDISING DOS PONTOS TURÍSTICOS Roteiro Enogastronômico Integrado - Caminho do Sabor Serrano

ESTUDO DE VIABILIDADE DE ROTEIRIZAÇÃO E MERCHANDISING DOS PONTOS TURÍSTICOS Roteiro Enogastronômico Integrado - Caminho do Sabor Serrano 1 AÇÃO CONJUNTA DE REVITALIZAÇÃO E DESENVOLVIMENTO ACORDE SÃO JOAQUIM-SC ESTUDO DE VIABILIDADE DE ROTEIRIZAÇÃO E MERCHANDISING DOS PONTOS TURÍSTICOS Roteiro Enogastronômico Integrado - Caminho do Sabor

Leia mais

A contrapartida social deverá ser apresentada no item 5 do formulário, sendo um ítem de valoração e não de eliminação

A contrapartida social deverá ser apresentada no item 5 do formulário, sendo um ítem de valoração e não de eliminação Informações Edital de Cultura Itens 2.1.1 até 2.1.8 - A classificação será por segmento/modalidade; - É obrigatória a apresentação do valor do projeto. Item 4.4 - A contrapartida social deverá ser apresentada

Leia mais

Curitiba - Responsabilidades do Setor de Turismo de Curitiba na Prevenção à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

Curitiba - Responsabilidades do Setor de Turismo de Curitiba na Prevenção à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. Curitiba - do Setor de Turismo de Curitiba na Prevenção Capacitar os profissionais dos meios de hospedagem (hotéis/motéis) com a temática do ESCA ABIH, AMOPAR, Associação dos Hostels, Sindotel, Secretaria

Leia mais

Ficha Técnica. Supervisão Comissão de Organização, Normas e Procedimentos CONP

Ficha Técnica. Supervisão Comissão de Organização, Normas e Procedimentos CONP Referência Ficha Técnica Plano de comunicação Resolução n 1.025, de 30 de outubro de 29 Supervisão Comissão de Organização, Normas e Procedimentos CONP Elaboração Projeto ART e Acervo Técnico - Equipe

Leia mais

Período de exposição e funcionamento dos Quiosques

Período de exposição e funcionamento dos Quiosques Chamamento Público para empreendimentos da agricultura familiar que tenham a intenção de participar dos Quiosques Brasil Orgânico e Sustentável durante os dias 11 a 27/06 em 10 cidades sedes da Copa de

Leia mais

Campanha Nacional 2013

Campanha Nacional 2013 Campanha Nacional 2013 Consumidor Positivo A Boa Vista tem compromisso com o desenvolvimento sustentável do mercado de crédito: consumidores e empresas do mesmo lado. Serviços disponíveis no Portal do

Leia mais

INSERIR LOGOMARCA DA INSTITUIÇÃO PROPONENTE INSERIR O TÍTULO DO PROJETO

INSERIR LOGOMARCA DA INSTITUIÇÃO PROPONENTE INSERIR O TÍTULO DO PROJETO INSERIR LOGOMARCA DA INSTITUIÇÃO PROPONENTE INSERIR O TÍTULO DO PROJETO O título do projeto deve delimitar a área de abrangência onde as ações serão executadas. Setembro, 2014 1 SUMÁRIO 1. DADOS GERAIS

Leia mais

Secretaria Municipal de meio Ambiente

Secretaria Municipal de meio Ambiente PROGRAMA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL PROGRAMA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL O presente Programa é um instrumento que visa à minimização de resíduos sólidos, tendo como escopo para tanto a educação ambiental voltada

Leia mais

SABER E ATUAR PARA MELHORAR O MUNDO: ÉTICA, CIDADANIA E MEIO AMBIENTE LIXO ORGANIZADO: UM SONHO POSSÍVEL. Vera Lúcia Alves.

SABER E ATUAR PARA MELHORAR O MUNDO: ÉTICA, CIDADANIA E MEIO AMBIENTE LIXO ORGANIZADO: UM SONHO POSSÍVEL. Vera Lúcia Alves. SABER E ATUAR PARA MELHORAR O MUNDO: ÉTICA, CIDADANIA E MEIO AMBIENTE LIO ORGANIZADO: UM SONHO POSSÍVEL Vera Lúcia Alves. RIO VERDE GO 2010 Identificação: EMEF José do Prado Guimarães. Localização: Rio

Leia mais

A revista Segue Viagem é uma publicação bimestral, um indicador de tendências em turismo. Recheada de informações úteis, sugestões de locais e

A revista Segue Viagem é uma publicação bimestral, um indicador de tendências em turismo. Recheada de informações úteis, sugestões de locais e A revista Segue Viagem é uma publicação bimestral, um indicador de tendências em turismo. Recheada de informações úteis, sugestões de locais e hospedagens no Brasil e no mundo, também revela dicas valiosas

Leia mais

VALE.COM.BR. Mídia Kit

VALE.COM.BR. Mídia Kit Mídia Kit 2012 O Grupo A união dos três veículos fez surgir um grupo de qualidade e que já chega como destaque na cidade e região. A credibilidade, o profissionalismo e a dedicação que todos conhecem,

Leia mais

A Vaquejada do Parque Haras Ivandro Cunha Lima, em Campina Grande, Paraíba, é considerada a maior vaquejada do país. O evento, que acontece no mês de março, já faz parte do calendário turístico da EMBRATUR.

Leia mais

EVENTO COM OPORTUNIDADES DE NEGÓCIOS DIRECIONADAS PARA EMPREENDEDORES

EVENTO COM OPORTUNIDADES DE NEGÓCIOS DIRECIONADAS PARA EMPREENDEDORES EVENTO COM OPORTUNIDADES DE NEGÓCIOS DIRECIONADAS PARA EMPREENDEDORES A Feira do Empreendedor é promovida pelo Sebrae desde 1992 em todos os estados do país. É considerado o maior evento presencial de

Leia mais

Projeto de Patrocínio ExpoBento 2016

Projeto de Patrocínio ExpoBento 2016 Projeto de Patrocínio ExpoBento 2016 1 Diretoria Sobre a ExpoBento A ExpoBento é a maior feira multissetorial do Brasil e em 2016 estará em sua 26ª edição. Desde 1990 esta Nossos números feira vem se reinventando,

Leia mais

12 A16 JUNHO PLANOS DE PATROCÍNIO DO FUNDAMENTO AO ACABAMENTO. CONSTRUINDO GRANDES NEGÓCIOS.

12 A16 JUNHO PLANOS DE PATROCÍNIO DO FUNDAMENTO AO ACABAMENTO. CONSTRUINDO GRANDES NEGÓCIOS. 10anos fenahabit.com.br REALIZANDO SONHOS, CONCRETIZANDO NEGÓCIOS. AS MELHORES EMPRESAS ESTÃO AQUI. feirafabricon.com.br DO FUNDAMENTO AO ACABAMENTO. CONSTRUINDO GRANDES NEGÓCIOS. PLANOS DE PATROCÍNIO

Leia mais

SOBRE A FÉRIAS VIVAS MISSÃO. Lutar pela conscientização e proteger vidas no turismo nacional. VISÃO

SOBRE A FÉRIAS VIVAS MISSÃO. Lutar pela conscientização e proteger vidas no turismo nacional. VISÃO SOBRE A FÉRIAS VIVAS A Associação Férias Vivas é a primeira ONG de âmbito nacional voltada para a segurança no turismo e no lazer. A organização foi criada em 2002 a partir da iniciativa de um grupo de

Leia mais

APRESENTAÇÃO... 2 1. ESTUDO DE COMPETITIVIDADE... 4 2. RESULTADOS... 6. 2.1 Total geral... 6. 2.2 Infraestrutura geral... 7. 2.3 Acesso...

APRESENTAÇÃO... 2 1. ESTUDO DE COMPETITIVIDADE... 4 2. RESULTADOS... 6. 2.1 Total geral... 6. 2.2 Infraestrutura geral... 7. 2.3 Acesso... PORTO SEGURO APRESENTAÇÃO Qualquer forma de desenvolvimento econômico requer um trabalho de planejamento consistente para atingir o objetivo proposto. O turismo é apresentado hoje como um setor capaz de

Leia mais

MANUAL DE COMPROVAÇÃO DAS EVIDENCIAS FÍSICAS PATROCÍNIO

MANUAL DE COMPROVAÇÃO DAS EVIDENCIAS FÍSICAS PATROCÍNIO MANUAL DE COMPROVAÇÃO DAS EVIDENCIAS FÍSICAS PATROCÍNIO INSTRUÇÕES GERAIS Leia com atenção todas as informações abaixo, antes de realizar a prestação de contas do seu projeto ao Sebrae/RJ. A total liberação

Leia mais

ESTUDO DE COMPETITIVIDADE NITERÓI

ESTUDO DE COMPETITIVIDADE NITERÓI ESTUDO DE COMPETITIVIDADE NITERÓI APRESENTAÇÃO Com o intuito de auxiliar destinos turísticos a analisar, conjugar e equilibrar os diversos fatores que, para além da atratividade, contribuem para a evolução

Leia mais

Ministério da Cultura e a Ong. Sol do Vale. Apresentam:

Ministério da Cultura e a Ong. Sol do Vale. Apresentam: Ministério da Cultura e a Ong. Sol do Vale Apresentam: Divino Encontro História Cultura Tradição Divino Encontro História, Cultura e Tradição A Sol do Vale O Divino Encontro Órgãos e entidades parceiras

Leia mais

UMA. Publicação RIC EDITORA A MAIOR EDITORA DE SANTA CATARINA VERÃO 2014/2015 REVISTA 4ª EDIÇÃO

UMA. Publicação RIC EDITORA A MAIOR EDITORA DE SANTA CATARINA VERÃO 2014/2015 REVISTA 4ª EDIÇÃO UMA Publicação RIC EDITORA A MAIOR EDITORA DE SANTA CATARINA VERÃO 2014/2015 REVISTA 4ª EDIÇÃO DIVULGAÇÃO DE SANTA CATARINA Apresentação DA REVISTA SHOW ME é um produto inovador no mercado de Santa Catarina.

Leia mais

o::: ~ LLI W...J cn c:! III '-' LLI W...J :E cw o::: LLI c.=::

o::: ~ LLI W...J cn c:! III '-' LLI W...J :E cw o::: LLI c.=:: con o o::: W...J cn c:! III o I- Z W...J ~ o :E cw o::: c. ~ LLI N

Leia mais

PLANO DE GESTÃO DE LOGÍSTICA SUSTENTÁVEL

PLANO DE GESTÃO DE LOGÍSTICA SUSTENTÁVEL Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Câmpus Guarapuava PLANO DE GESTÃO DE LOGÍSTICA SUSTENTÁVEL Comissão Gestora do Plano de Gestão de Logística Sustentável UTFPR - Câmpus

Leia mais

APRESENTAÇÃO CRONOGRAMA DE AÇÕES

APRESENTAÇÃO CRONOGRAMA DE AÇÕES APRESENTAÇÃO A busca por um estilo de vida saudável está cada vez mais integrada ao cotidiano das pessoas. Exercícios, alimentação e mente positiva são elementos fundamentais para quem quer ter uma vida

Leia mais

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

OBJETIVOS ESPECÍFICOS APRESENTAÇÃO Um evento de dar água na boca. Diferente de tudo, com os cenários raros da Amazônia Atlântica. A terceira edição do Comidinha de Praia, ocorrerá na Praça da Igreja Matriz no Município de Salinópolis/PA,

Leia mais

CNPJ: 11.028.088/0001-76

CNPJ: 11.028.088/0001-76 Centro de Vivencia Ecológica e Cultural Entidade da sociedade civil sem fins lucrativos de caráter ecológico, cultural e social. (Fundada em 10 de Julho de 2009) CNPJ: 11.028.088/00-76 1.Nome do projeto

Leia mais

FRANQUIA O BOTICÁRIO TRÊS RIOS (RJ) RESPEITO AO MEIO AMBIENTE

FRANQUIA O BOTICÁRIO TRÊS RIOS (RJ) RESPEITO AO MEIO AMBIENTE FRANQUIA O BOTICÁRIO TRÊS RIOS (RJ) RESPEITO AO MEIO AMBIENTE RESUMO Numa sociedade cada vez mais consciente, a proteção ao meio ambiente passa a ser objetivo de atenção de franquias com um posicionamento

Leia mais

Maximize sua Participação com as Ferramentas de Merchandising

Maximize sua Participação com as Ferramentas de Merchandising Líder Mundial na Organização de Eventos Qualquer que seja o setor de atuação......criamos contatos, conteúdos e comunidades com o poder de transformar seus negócios. Maximize sua Participação com as Ferramentas

Leia mais

Números da FEIABC 2008

Números da FEIABC 2008 Números da FEIABC 2008 Cerca de 5.000 visitantes; Mais de 40 jornalistas credenciados para a abertura; Evento com 110 estandes; Rodada Tecnológica: 30 empresários assistiram a palestras de cinco institutos

Leia mais

SETEMBRO: MÊS DA MOBILIDADE E INCLUSÃO

SETEMBRO: MÊS DA MOBILIDADE E INCLUSÃO SETEMBRO: MÊS DA MOBILIDADE E INCLUSÃO COORDENAÇÃO Ana Paula Nascimento Subsecretária de Desenvolvimento Urbano EQUIPE RESPONSÁVEL Rita de Cássia Santos de Souza Coordenadora do Vitor Santos Lisbôa Subcoordenador

Leia mais

METODOLOGIA SEBRAE BAHIA PARA PÓLOS DE EMPREENDEDORISMO CULTURAL

METODOLOGIA SEBRAE BAHIA PARA PÓLOS DE EMPREENDEDORISMO CULTURAL Trabalho apresentado no III ENECULT Encontro de Estudos Multidisciplinares em Cultura, realizado entre os dias 23 a 25 de maio de 2007, na Faculdade de Comunicação/UFBa, Salvador-Bahia-Brasil. METODOLOGIA

Leia mais

Estudo da Demanda Turística Internacional

Estudo da Demanda Turística Internacional Estudo da Demanda Turística Internacional Brasil 2012 Resultados do Turismo Receptivo Pontos de Coleta de Dados Locais de entrevistas - 25 Entrevistados - 31.039 15 aeroportos internacionais, que representam

Leia mais

A Conciliação. A Campanha 2015. Objetivos da Campanha

A Conciliação. A Campanha 2015. Objetivos da Campanha A Conciliação A Semana Nacional da Conciliação é uma ação institucional do CNJ que ocorre desde 2008. Essa iniciativa, já consolidada, conta com a participação de demais tribunais brasileiros e terá logomarca

Leia mais

MidiaKit. Nossa indústria também produz visibilidade. Período 2012/2013

MidiaKit. Nossa indústria também produz visibilidade. Período 2012/2013 MidiaKit Nossa indústria também produz visibilidade Período 2012/2013 - 2 - Transforme visibilidade em oportunidades de negócio As publicações da Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina -

Leia mais

ASSOCIAÇÃO CULTURAL E EDUCACIONAL DE GARÇA FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANAS CURSO DE BACHARELADO EM TURISMO RA: 31.902

ASSOCIAÇÃO CULTURAL E EDUCACIONAL DE GARÇA FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANAS CURSO DE BACHARELADO EM TURISMO RA: 31.902 ASSOCIAÇÃO CULTURAL E EDUCACIONAL DE GARÇA FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANAS CURSO DE BACHARELADO EM TURISMO RA: 31.902 O TURISMO DE EVENTOS ENQUANTO MECANISMO DE PRESERVAÇÃO E PROPAGAÇÃO DE IDENTIDADES CULTURAIS

Leia mais

MANUAL DE PRESTAÇÃO DE CONTAS DE PATROCÍNIOS

MANUAL DE PRESTAÇÃO DE CONTAS DE PATROCÍNIOS MANUAL DE PRESTAÇÃO DE CONTAS DE PATROCÍNIOS INSTRUÇÕES GERAIS Leia com atenção todas as informações abaixo, antes de realizar a prestação de contas do seu projeto ao SEBRAE. A total liberação do recurso

Leia mais

OS IMPACTOS DO TURISMO DE COMPRAS NA FRONTEIRA SUL DO BRASIL

OS IMPACTOS DO TURISMO DE COMPRAS NA FRONTEIRA SUL DO BRASIL OS IMPACTOS DO TURISMO DE COMPRAS NA FRONTEIRA SUL DO BRASIL Taís Natalia Cruz Pereira 1 Cláudia Brandão Schwab 2 Gabriel Silveira Martins 3 RESUMO Este trabalho visa demonstrar os problemas resultantes

Leia mais

Embarque na Viagem. * Perfil * Audiência * Formatos * Contatos MÍDIA KIT 2011/2012. www.embarquenaviagem.com. ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: Fevereiro / 2012

Embarque na Viagem. * Perfil * Audiência * Formatos * Contatos MÍDIA KIT 2011/2012. www.embarquenaviagem.com. ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: Fevereiro / 2012 ------------------------------------ Embarque na Viagem ----------------------------------- MÍDIA KIT 2011/2012 * Perfil * Audiência * Formatos * Contatos ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: Fevereiro / 2012 www.embarquenaviagem.com

Leia mais