O CARTÃO DE GESTÃO DE FROTAS QUE LHE OFERECE MUITO MAIS!

Save this PDF as:
Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "O CARTÃO DE GESTÃO DE FROTAS QUE LHE OFERECE MUITO MAIS!"

Transcrição

1 VÁLIDO ATÉ 03/12 PUMANGOL LD ZZ GASÓLEO O CARTÃO DE GESTÃO DE FROTAS QUE LHE OFERECE MUITO MAIS! Segurança Controle Poupança Edifício Sede Pumangol: R. Dr. Agostinho Neto, Edifício Caravela, Lt.1, R/C, Praia do Bispo, Luanda Em parceria com:

2 01 APRESENTAÇÃO O CARTÃO DE GESTÃO DE FROTA QUE LHE OFERECE MUITO MAIS! O Cartão FROTA+ é o meio de pagamento mais seguro para o abastecimento de combustível da frota da sua empresa. Proporcionamos-lhe uma gestão optimizada do consumo de cada viatura, através de relatórios produzidos por soluções de software avançadas. Com o Cartão FROTA+, os veículos da sua empresa poderão abastecer em toda a rede de Postos de Abastecimento Pumangol, de Cabinda ao Cunene, com a garantia de um serviço rápido, eficiente e seguro. P3

3 FUNCIONAMENTO O Cartão FROTA+ é um cartão de pagamento que permite a compra de combustível em toda a rede de Postos de Abastecimento Pumangol. Ao utilizar o cartão em cada transacção, o usuário deve introduzir um PIN, previamente definido. Esta medida torna o Cartão FROTA+ mais seguro, protegendo o seu negócio e os condutores. Cada viatura ou condutor terá um Cartão FROTA+ personalizado de acordo com as opções previamente definidas. A empresa poderá estipular antecipadamente o limite de cada cartão e, desta forma, controlar os consumos reais ao longo do tempo. 02 P5 Todas as transacções ficam registadas e em qualquer momento poderão ser consultados os consumos de combustível das viaturas da frota. Adicionalmente, o software guarda perfis actualizados dos padrões de cada cartão, o que permite identificar rapidamente gastos excessivos e possíveis fraudes.

4 03 COMO ABASTECER COM O CARTÃO FROTA+? 1. Deve dirigir se a um Posto da Pumangol, à ilha de abastecimento identificada e destinada aos aderentes do Cartão FROTA+. 2. É obrigatória a apresentação do seu Cartão FROTA+ e a sua identificação, antes de solicitar o abastecimento. 3. O abastecedor do Posto, inicia a operação passando o Cartão FROTA+ no TPA: a) Deve introduzir o Código PIN; b) Deve digitar a sua identificação, um número até 7 dígitos que pode ser o nº de funcionário, dependendo das regras definidas pela empresa; c) Deve introduzir o nº de quilómetros da sua viatura. d) Caso o TPA solicite, deve digitar a matrícula da sua viatura. 4. O abastecedor abastece a sua viatura. 5. Após o abastecimento, NÃO SE ESQUEÇA de solicitar o talão comprovativo do abastecimento. Para isso, deve voltar a entregar o seu Cartão FROTA+ ao abastecedor, para que este possa emitir o respectivo recibo. E Boa Viagem! P7

5 As opções de personalização do cartão variam entre: PERSONALIZAÇÃO VÁLIDO ATÉ 03/12 PUMANGOL LD ZZ GASÓLEO 04 Tipo de combustível: Identificação: só Gasóleo só matrícula do veículo só Gasolina só nome do condutor ambos: gasóleo e gasolina 1 Número do cartão 2 Validade do cartão 3 Nome da empresa 4 Matrícula ou nome do condutor do veículo / combustível (obrigatório) P9

6 05 VANTAGENS Racionalização de recursos da Empresa. Redução de fraudes. Garantia de aprovisonamento financeiro controlado e consumos. Definição das opções de utilização de cada cartão, adaptado às necessidades de cada utilizador. Diminuição dos custos administrativos do controle de abastecimentos. Estabelecimento de limites para compra de combustíveis. Redução do risco de assalto, uma vez que o condutor não precisa usar dinheiro, cheque ou um cartão bancário para abastecer. Facilidade de fornecimento de relatórios de gestão à empresa, actualizados dia-a-dia, com todos os dados processados pelo sistema, como: data, hora, local e quilometragem do veículo no momento do abastecimento, tipo e quantidade de combustível, valor por litro e total geral. P11

7 06 RELATÓRIOS DE GESTÃO O Cartão FROTA+ tem disponível uma gama de relatórios que permitem aos gestores da sua empresa ter um controlo eficaz das transacções efectuadas: Registo do local de compra. Registo da hora da transacção. Registo da quantidade e tipo de combustível abastecido. Estabelecimento de limite mensal por cartão. Registo de quilómetros percorridos entre os abastecimentos. P13

8 07 CONDIÇÕES DE ADESÃO O Cartão FROTA+ foi concebido para revolucionar a gestão da frota da sua empresa, contando com a parceria do Banco Privado Atlantico na intermediação das operações financeiras. As condições de adesão ao Cartão FROTA+ são: Possuir uma empresa constituída (o cartão não está disponível para particulares). Possuir ou abrir uma conta no Banco Privado Atlantico. Possuir uma frota com o mínimo de 3 viaturas, ligeiras ou pesadas. P15

9 08 CARREGAMENTO DE CARTÕES Na ficha de adesão, deverá indicar uma conta do Banco Privado Atlantico, a qual será SEMPRE usada para os carregamentos posteriores, sob pena do carregamento não ser executado com sucesso. Para carregar a sua conta cartão, tem duas possibilidades: a) Carregamento pontual Deve dirigir-se a um Centro Atlantico, solicitar o impresso de carregamento de cartões e preencher o mesmo indicando a conta Atlantico definida (ponto 1) e o montante de carregamento pretendido. Este impresso dará a ordem de execução de uma transferência conta a conta, ou seja, da conta da empresa para a conta da Pumangol (a conta da Pumangol já está pré-definida no impresso de carregamento). b) Carregamento permanente O processo é o mesmo, mas no impresso de carregamento, além do montante, deve marcar a opção de carregamento permanente, ou seja, todos os meses essa transferência será executada. P17

10 09 CONTACTOS Para mais informações contacte ou envie um para energy.com P19

11 10 PERGUNTAS FREQUENTES Onde posso abastecer com Cartão FROTA+? O Cartão FROTA+ é uma solução de gestão de frota, criada para utilização em todos os Postos da Pumangol. Deve dirigir se à ilha de abastecimento identificada e destinada aos aderentes do Cartão FROTA+, tanto de veículos ligeiros como pesados. Como posso abastecer e pagar com o Cartão FROTA+? Esqueci-me de informar o abastecedor do posto que tenho Cartão FROTA+, posso utilizar o Cartão após o abastecimento? NÃO. O Cartão FROTA+ funciona como um cartão pré-pago, com pré-autorização no TPA. Caso NÃO INFORME o abastecedor do posto que possui um Cartão FROTA+ antes do abastecimento, terá de efectuar o pagamento em dinheiro ou com cartão Multicaixa. Antes de abastecer, DEVE informar o abastecedor da bomba que pretende abastecer com Cartão FROTA+ e efectuar a sua pré-validação. P21

12 Não consegui abastecer com o Cartão FROTA+, porquê? A ter em atenção. Quem define as regras de utilização? Cada Cartão FROTA+ é criado com um perfil de regras associadas, solicitado pela empresa, no qual define quais os acessos e restrições para o seu Cartão FROTA+. As regras de abastecimento, são definidas pela sua empresa que, ao personalizar o seu cartão, irá indicar quantas vezes poderá abastecer ao longo de uma semana, e qual o valor máximo que pode abastecer cada vez, entre outras regras personalizáveis. Posso abastecer qualquer tipo de combustível? O tipo de combustível, é uma das regras personalizáveis. Caso o seu cartão esteja personalizado apenas para um tipo de combustível (Gasolina ou Gasóleo) o TPA reconhece automaticamente qual o combustível a abastecer, não podendo abastecer mais nenhum para além do definido no seu perfil. Também é possível definir os dois tipos de combustível para abastecimento com o seu cartão. Pode ter excedido o número de abastecimentos semanais permitidos pelo cartão; Pode ter excedido o valor total disponível para abastecimentos (pode ser por dois motivos, pode não ter saldo ou pelos limites das regras); Pode ter excedido o consumo definido semanalmente. Excedi os limites do cartão, quando é que posso voltar a abastecer? Os limites estão programados para automaticamente permitirem novos abastecimentos. Se o Cartão FROTA+ foi emitido em seu nome, deverá identificar-se com o seu Bilhete de Identidade. Se o Cartão FROTA+ foi emitido com matrícula, só poderá abastecer a viatura com essa mesma matrícula. Sempre que o TPA solicite o número de quilómetros da viatura, deverá introduzir os números actualizados de acordo com o conta-quilómetros. Sempre que o TPA solicite o seu número de identificação, deverá introduzir o número que lhe foi atribuído pela sua empresa para este efeito. Sempre que utilizar o Cartão FROTA+, DEVE guardar o talão emitido pelo TPA de pagamento, mesmo que a autorização seja negada. P23

Guia do Utilizador. Cartão BPI Gold Empresas

Guia do Utilizador. Cartão BPI Gold Empresas Guia do Utilizador Cartão BPI Gold Empresas Índice 1. O Cartão BPI Gold Empresas...3 2. Precauções a ter com o seu Cartão BPI Gold Empresas...3 3. O que fazer em caso de perda, furto, roubo ou extravio

Leia mais

PAINEL DE ADMINISTRADOR

PAINEL DE ADMINISTRADOR PAINEL DE ADMINISTRADOR IMPORTANTE: O Painel de administrador APENAS deverá ser utilizado pelo responsável do sistema. são: Nesta aplicação, poderá configurar todo o sistema de facturação. As opções do

Leia mais

CONDIÇÕES EXCLUSIVAS POUPA MAIS UNIVERSITÁRIO

CONDIÇÕES EXCLUSIVAS POUPA MAIS UNIVERSITÁRIO PoupaMais Poupa premierplus CONDIÇÕES EXCLUSIVAS POUPA MAIS UNIVERSITÁRIO 1. O cartão Poupa Mais Universitário é um cartão POUPA MAIS regendo-se pelas Condições Gerais de Utilização (CGU) do POUPA MAIS

Leia mais

Certidão Permanente. Manual de Procedimentos

Certidão Permanente. Manual de Procedimentos Certidão Permanente Manual de Procedimentos Procedimentos da Certidão Permanente On-line Sim 2. Elaborar Pedido de Subscrição 1. Autenticar apresentante / Login 1.1. Subscrição da Certidão? 4. Efectuar

Leia mais

GUIA PRÁTICO PRESTAÇÕES DE DESEMPREGO - MONTANTE ÚNICO

GUIA PRÁTICO PRESTAÇÕES DE DESEMPREGO - MONTANTE ÚNICO GUIA PRÁTICO PRESTAÇÕES DE DESEMPREGO - MONTANTE ÚNICO INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P ISS, I.P. Departamento/Gabinete Pág. 1/10 FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático Prestações de Desemprego Montante Único

Leia mais

MANUAL EXTRACTOS GALP/BP

MANUAL EXTRACTOS GALP/BP MANUAL EXTRACTOS GALP/BP Acesso O acesso é efectuado através do Portal de Recursos Humanos, no link Expenses Report: Breve explicação da ferramenta. À semelhança do que acontece com os cartões de crédito,

Leia mais

Controle e execute tudo o que está relacionado com Pessoal e Salários com um software eficaz e preparado para completar todas as tarefas nesta área

Controle e execute tudo o que está relacionado com Pessoal e Salários com um software eficaz e preparado para completar todas as tarefas nesta área Descritivo completo Pessoal 2008 Controle e execute tudo o que está relacionado com Pessoal e Salários com um software eficaz e preparado para completar todas as tarefas nesta área Benefícios Solução completa;

Leia mais

GUIA PRÁTICO SUBSÍDIO DE DESEMPREGO - MONTANTE ÚNICO

GUIA PRÁTICO SUBSÍDIO DE DESEMPREGO - MONTANTE ÚNICO GUIA PRÁTICO SUBSÍDIO DE DESEMPREGO - MONTANTE ÚNICO INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P ISS, I.P. Departamento/Gabinete Pág. 1/10 FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático Subsídio de Desemprego Montante Único

Leia mais

Manual de Utilizador Plataforma de Estágios TIC. www.estagiostic.gov.pt

Manual de Utilizador Plataforma de Estágios TIC. www.estagiostic.gov.pt Manual de Utilizador Plataforma de Estágios TIC www.estagiostic.gov.pt 1 Índice 1 Introdução 3 1.1 Programa de Estágios TIC 3 1.2 Objectivo da plataforma 3 1.3 Perfis 4 1.3.1 Escola 4 1.3.2 Empresa 4 1.3.3

Leia mais

Manual de Operacionalização do Módulo de Prestação de Contas PCS

Manual de Operacionalização do Módulo de Prestação de Contas PCS Manual de Operacionalização do Módulo de Prestação de Contas PCS Versão Fevereiro/2013 Índice PCS - Módulo de Prestação de Contas...3 Acesso ao Módulo PCS...3 1. Contas financeiras...5 1.1. Cadastro de

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO BANCO DE AJUDAS TÉCNICAS

REGULAMENTO INTERNO BANCO DE AJUDAS TÉCNICAS REGULAMENTO INTERNO BANCO DE AJUDAS TÉCNICAS ENTIDADE PROMOTORA: SANTA CASA DA MISERICÓRDIA DE SOBRAL DE MONTE AGRAÇO ENTIDADES PARCEIRAS: MUNICÍPIO DE SOBRAL DE MONTE AGRAÇO E CENTRO DE SAÚDE DE SOBRAL

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DO CEARÁ Autarquia Federal criado pela Lei Nº 5.905/73 Filiado ao Conselho Internacional de Enfermeiros Genebra

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DO CEARÁ Autarquia Federal criado pela Lei Nº 5.905/73 Filiado ao Conselho Internacional de Enfermeiros Genebra DECISÃO COREN/CE Nº 02/2011 DETERMINA REGRAS PARA USO DOS VEÍCULOS OFICIAIS, QUE COMPÕEM A FROTA DO CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DO CEARÁ COREN/CE. O CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DO CEARÁ COREN/CE,

Leia mais

Manual de Recibos. Manual de Recibos

Manual de Recibos. Manual de Recibos Manual de Recibos As aplicações XD dispõe de um módulo de controlo de Contas Correntes de Clientes que tem sido evoluído de forma a satisfazer as diversas necessidades dos seus clientes. As Contas Correntes

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO. EcclesiaSoft 2012. v.01

MANUAL DE UTILIZAÇÃO. EcclesiaSoft 2012. v.01 MANUAL DE UTILIZAÇÃO EcclesiaSoft 2012 v.01 1 CONTEÚDO 1. Apresentação:... 4 2. Instalação... 5 3. Configurações iniciais... 5 4. Secretaria... 6 4.1. Criação de uma nova ficha... 8 4.2. Listagem de Pessoas...

Leia mais

FEDERAÇÃO NACIONAL DE KARATE PORTUGAL

FEDERAÇÃO NACIONAL DE KARATE PORTUGAL Assunto: Fase II de Procedimentos Online Exmos. Srs. A TODAS AS ASSOCIAÇÕES A introdução em Setembro de 2011 da FASE I do novo método de registo de inscrições/renovações de atletas, treinadores e inscrições

Leia mais

PRESIDÊNCIA DO GOVERNO REGIONAL Resolução do Conselho do Governo n.º 107/2010 de 14 de Julho de 2010

PRESIDÊNCIA DO GOVERNO REGIONAL Resolução do Conselho do Governo n.º 107/2010 de 14 de Julho de 2010 PRESIDÊNCIA DO GOVERNO REGIONAL Resolução do Conselho do Governo n.º 107/2010 de 14 de Julho de 2010 O Programa Estagiar, nas suas vertentes L, T e U, dirigido a recém-licenciados e mestres, recém-formados

Leia mais

XPontos. Manual de Instruções

XPontos. Manual de Instruções XPontos Manual de Instruções 2 XPontos LIGAR O EQUIPAMENTO Na parte inferior do equipamento, ligar o cabo de alimentação de acordo com a ilustração. COLOCAR O ROLO PARA IMPRESSÃO Pressionar o botão OPEN

Leia mais

GUIA DO UTILIZADOR Cartão BPI Prémio

GUIA DO UTILIZADOR Cartão BPI Prémio GUIA DO UTILIZADOR Cartão BPI Prémio Índ ce 1. O Cartão BPI Prémio... 2 2. Precauções a ter com o seu Cartão BPI Prémio... 2 3. O que fazer em caso de perda, furto, roubo ou extravio do cartão... 3 4.

Leia mais

FREGUESIA DE CANAVIAIS Concelho de Évora PROJECTO DE REGULAMENTO E TABELA GERAL DE TAXAS FREGUESIA DE CANAVIAIS

FREGUESIA DE CANAVIAIS Concelho de Évora PROJECTO DE REGULAMENTO E TABELA GERAL DE TAXAS FREGUESIA DE CANAVIAIS PROJECTO DE REGULAMENTO E TABELA GERAL DE TAXAS FREGUESIA DE CANAVIAIS Ao abrigo do disposto no artigo 241º da Constituição da Republica Portuguesas, e dos artigos 114º a 119º do Código do Procedimento

Leia mais

FAQS ATRIBUIÇÃO DE HABITAÇÕES

FAQS ATRIBUIÇÃO DE HABITAÇÕES FAQS ATRIBUIÇÃO DE HABITAÇÕES 1 Onde é que posso obter o Regulamento do concurso? O Regulamento do concurso pode ser obtido: a) Nos escritórios da SPRHI, SA: - Rua Carvalho Araújo n.º38-b, em Ponta Delgada

Leia mais

Facturação Guia do Utilizador

Facturação Guia do Utilizador Facturação Guia do Utilizador Facturação Como se utiliza 2 1 Como se utiliza Todas as opções do sistema estão acessíveis através do menu: ou do menu: O Menu caracteriza-se pelas seguintes funcionalidades:

Leia mais

JURINFOR JURIGEST Facturação e Mapas

JURINFOR JURIGEST Facturação e Mapas JURINFOR JURIGEST Facturação e Mapas Índice Índice 1. Facturação...1 1.1. Gestão de Notas de Honorários...2 1.1.1. Emitir uma Nota de Honorários...3 1.1.2. Consultar Notas de Honorários Emitidas... 18

Leia mais

1 / 2 Condições de Utilização do Crédito Pessoal

1 / 2 Condições de Utilização do Crédito Pessoal 1 / 2 Condições de Utilização do Crédito Pessoal 1. O Crédito Pessoal é do tipo crédito clássico e só pode ser solicitado pela pessoa singular 1ª Titular de um Cartão emitido pela UNICRE que esteja em

Leia mais

Nota: Por enquanto ainda não existem ME s no mercado pelo que ainda não é possível contratar o ME em vez do FCT.

Nota: Por enquanto ainda não existem ME s no mercado pelo que ainda não é possível contratar o ME em vez do FCT. Fundo de Compensação do Trabalho e o PHC Entrou em vigor no passado dia 1 de outubro de 2013 a Lei nº 70/2013, de 30 de Agosto, que criou dois fundos de compensação do trabalho, com o intuito de assegurar

Leia mais

PROCEDIMENTOS PARA AQUISIÇÃO

PROCEDIMENTOS PARA AQUISIÇÃO PROCEDIMENTOS PARA AQUISIÇÃO Acesse o site www.teubilhete.com.br, selecione a opção Teu Online, e clique no botão, preencha o formulário com os dados de sua empresa. Reúna duas vias impressas do Contrato

Leia mais

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TIRO

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TIRO Circular n.º 023/2014 Portal F.P.T. - Inscrições Exmo. Sr. Presidente, No seguimento da Circular Nº 021/2014 Inscrições em Provas F.P.T. e depois de disponibilizarmos a possibilidade de testar/treinar

Leia mais

Manual de Noções Básicas de Cobrança

Manual de Noções Básicas de Cobrança Este manual tem como finalidade explicar o que é uma cobrança através de boleto bancário, o que a constitui e outras informações pertinentes a mesma. Para maiores informações entre em contato com o gerente

Leia mais

Guia de Apoio ao Formando. Formação à distância

Guia de Apoio ao Formando. Formação à distância Regras&Sugestões- Formação e Consultoria, Lda. Guia de Apoio ao Formando Data de elaboração: abril de 2014 CONTACTOS Regras & Sugestões Formação e Consultoria, Lda. Av. General Vitorino laranjeira, Edifício

Leia mais

REGULAMENTO E TABELA GERAL DE TAXAS FREGUESIA DE CASTELO - SESIMBRA

REGULAMENTO E TABELA GERAL DE TAXAS FREGUESIA DE CASTELO - SESIMBRA REGULAMENTO E TABELA GERAL DE TAXAS FREGUESIA DE CASTELO - SESIMBRA Em conformidade com o disposto nas alíneas d) e j) do n.º 2 do artigo 17.º, conjugada com a alínea b) do n.º 5 do artigo 34.º da Lei

Leia mais

PROTOCOLO BANCO DE MEDICAMENTOS RESPOSTAS ÀS PERGUNTAS MAIS FREQUENTES

PROTOCOLO BANCO DE MEDICAMENTOS RESPOSTAS ÀS PERGUNTAS MAIS FREQUENTES PROTOCOLO BANCO DE MEDICAMENTOS RESPOSTAS ÀS PERGUNTAS MAIS FREQUENTES 1. Como posso aderir ao Banco de Medicamentos? Para aderir ao Banco de Medicamentos, a empresa deverá inscrever-se na Plataforma através

Leia mais

» Quer saber mais sobre a ação de registar e/ou enviar um documento através do GesDoc?

» Quer saber mais sobre a ação de registar e/ou enviar um documento através do GesDoc? » PERGUNTAS MAIS FREQUENTES FAQ s - https://gesdoc.uevora.pt» Quer saber mais sobre a ação de registar e/ou enviar um documento através do GesDoc?» Aqui encontra algumas respostas às perguntas mais frequentes

Leia mais

REGULAMENTO CARTÃO IDENTIFICAÇÃO

REGULAMENTO CARTÃO IDENTIFICAÇÃO REGULAMENTO DO CARTÃO DE IDENTIFICAÇÃO Artigo 1.º Agrupamento Vertical de Escolas D. Dinis Principais funcionalidades do sistema informático para a gestão integrada para a administração escolar (GIAE)

Leia mais

Este documento tem como objetivo esclarecer algumas questões colocadas pelos Notários

Este documento tem como objetivo esclarecer algumas questões colocadas pelos Notários Este documento tem como objetivo esclarecer algumas questões colocadas pelos Notários Geral G1. Gostaria de assinar o protocolo com a MULTICERT. O que devo fazer? Lista de Perguntas Com o certificado da

Leia mais

Âmbito. 2 - Um «transportador» é qualquer pessoa física ou jurídica ou qualquer empresa autorizada, quer na República Portuguesa, quer na

Âmbito. 2 - Um «transportador» é qualquer pessoa física ou jurídica ou qualquer empresa autorizada, quer na República Portuguesa, quer na Decreto do Governo n.º 18/86 Acordo entre o Governo da República Portuguesa e o Governo da República Federal da Áustria Relativo ao Transporte Rodoviário Internacional de Passageiros e Mercadorias O Governo

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA ANQIP ETA 0702 ELABORADA POR: SECRETARIADO TÉCNICO CTA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA ANQIP ETA 0702 ELABORADA POR: SECRETARIADO TÉCNICO CTA ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA ANQIP ETA 0702 CERTIFICAÇÃO DE SISTEMAS DE APROVEITAMENTO DE ÁGUAS PLUVIAIS ELABORADA POR: SECRETARIADO TÉCNICO CTA VALIDADE: DE 23 / 01 / 2009 A 23 / 01 /2014 OBS: 0. INTRODUÇÃO

Leia mais

GUIA PRÁTICO PROVA ESCOLAR (Abono de Família para Crianças e Jovens e Bolsa de Estudo)

GUIA PRÁTICO PROVA ESCOLAR (Abono de Família para Crianças e Jovens e Bolsa de Estudo) Manual de GUIA PRÁTICO PROVA ESCOLAR (Abono de Família para Crianças e Jovens e Bolsa de Estudo) INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P ISS, I.P. Departamento/Gabinete Pág. 1/20 FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático

Leia mais

CAPÍTULO XI FINANÇAS

CAPÍTULO XI FINANÇAS CAPÍTULO XI FINANÇAS A. INVESTIMENTO DOS FUNDOS DA ASSOCIAÇÃO As decisões referentes aos investimentos da associação deverão tomar como base as declarações sobre normas de investimentos para o Fundo Geral

Leia mais

Abertura do Ano. Este documento pretende auxiliar na Abertura do Ano nos diversos Módulos do software Primavera.

Abertura do Ano. Este documento pretende auxiliar na Abertura do Ano nos diversos Módulos do software Primavera. Abertura do Ano Este documento pretende auxiliar na Abertura do Ano nos diversos Módulos do software Primavera. Esta configuração aplica-se na Criação de Séries, Abertura do Ano em Recursos Humanos, Criação

Leia mais

REGULAMENTO E TABELA GERAL DE TAXAS FREGUESIA DE PALHAÇA CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS. Artigo 1.º Objecto. Artigo 2.º Sujeitos. Artigo 3.

REGULAMENTO E TABELA GERAL DE TAXAS FREGUESIA DE PALHAÇA CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS. Artigo 1.º Objecto. Artigo 2.º Sujeitos. Artigo 3. REGULAMENTO E TABELA GERAL DE TAXAS FREGUESIA DE PALHAÇA Em conformidade com o disposto nas alíneas d) e j) do n.º 2 do artigo 17.º, conjugada com a alínea b) do n.º 5 do artigo 34.º da Lei das Autarquias

Leia mais

PHC Pessoal BENEFÍCIOS. _Automatização total de processos. _Mapas legais e obrigatórios. _Simulação de vencimentos. _Tratamento de recibos verdes

PHC Pessoal BENEFÍCIOS. _Automatização total de processos. _Mapas legais e obrigatórios. _Simulação de vencimentos. _Tratamento de recibos verdes PHCPessoal DESCRITIVO O módulo de Pessoal contempla totalmente as necessidades relativas à gestão de funcionários, processamento de vencimentos, férias, faltas e mapas legais, e está acompanhado de inúmeras

Leia mais

AVALIAÇÃO NACIONAL DO VALE-TRANSPORTE SISTEMA DE TRANSPORTE PÚBLICO COLETIVO POR ÔNIBUS

AVALIAÇÃO NACIONAL DO VALE-TRANSPORTE SISTEMA DE TRANSPORTE PÚBLICO COLETIVO POR ÔNIBUS AVALIAÇÃO NACIONAL DO VALE-TRANSPORTE SISTEMA DE TRANSPORTE PÚBLICO COLETIVO POR ÔNIBUS 1) Dados do Município/Região Metropolitana Município/RM: DADOS CADASTRAIS UF População Total: habitantes 2) Quem

Leia mais

Manual Web.Newhotel Configuração NewHotel

Manual Web.Newhotel Configuração NewHotel Manual Web.Newhotel Configuração NewHotel Versão: 1.1 Rev. 2008-11-17 Av. Almirante Gago Coutinho, 70 1700-031 Lisboa PORTUGAL Tel. 21 7817810, 53-52631959 Faxx 21 7971579 marketing@newhotel.com helpdesk@newhotel.com

Leia mais

REAL PPR Condições Gerais

REAL PPR Condições Gerais Entre a, adiante designada por Segurador, e o Tomador do Seguro identificado nas Condições Particulares, estabelece-se o presente contrato de seguro que se regula pelas Condições Particulares e desta apólice,

Leia mais

Cadastro de Usuários e Agendamento de Consultas

Cadastro de Usuários e Agendamento de Consultas 2013 Cadastro de Usuários e Agendamento de Consultas Cris Podologia 1 Conteúdo 1) Cadastro... 3 2) Agendamento... 8 3) Atualização e Complemento do Cadastro... 13 a) Perfil... 15 b) Endereço... 15 4) Recuperação

Leia mais

O sistema é dividido por quatro menus principais: Cadastro, Comercial, Estoque e Pesquisa como verá a seguir:

O sistema é dividido por quatro menus principais: Cadastro, Comercial, Estoque e Pesquisa como verá a seguir: Visão Rápida do sistema Administrativo LC O sistema Administrativo LC é um sistema completo para administrar o seu escritório, loja ou comercio em geral. Nosso sistema pode ser customizado a necessidade

Leia mais

Gestor de ligações Manual do Utilizador

Gestor de ligações Manual do Utilizador Gestor de ligações Manual do Utilizador 1.0ª Edição PT 2010 Nokia. Todos os direitos reservados. Nokia, Nokia Connecting People e o logótipo Nokia Original Accessories são marcas comerciais ou marcas registadas

Leia mais

REGULAMENTO DA ACTIVIDADE FORMATIVA

REGULAMENTO DA ACTIVIDADE FORMATIVA A CadSolid tem como missão contribuir para a modernização da indústria portuguesa, mediante o desenvolvimento e comercialização de produtos e serviços inovadores, personalizados e concebidos para satisfazer

Leia mais

Os dados de cliente devem ser os mesmos que constam no operador detentor do(s) número(s) a portar Nome

Os dados de cliente devem ser os mesmos que constam no operador detentor do(s) número(s) a portar Nome Mod.C/0080. IDENTIFICAÇÃO DO CLIENTE C. Cidadão/BI/Passaporte Morada Cód. Postal Telemóvel de contacto E-mail Informo que, por motivos de portabilidade, pretendo rescindir o contrato de prestação de serviço

Leia mais

PHC Factoring. A solução para a gestão dos contratos de Factoring, respectivas cessões, adiantamentos e recibos das entidades aderentes.

PHC Factoring. A solução para a gestão dos contratos de Factoring, respectivas cessões, adiantamentos e recibos das entidades aderentes. PHCFactoring DESCRITIVO Este módulo permite aos aderentes fazer a gestão integrada dos vários Contratos de Factoring, nomeadamente das respectivas cessões, adiantamentos e recibos, bem como o controlo

Leia mais

PROCESSO SELETIVO Nº 001/2011 CONCURSO PÚBLICO EDITAL DE ABERTURA

PROCESSO SELETIVO Nº 001/2011 CONCURSO PÚBLICO EDITAL DE ABERTURA Serviço Público Federal CONSELHO REGIONAL DE QUÍMICA 17ª REGIÃO / ALAGOAS PROCESSO SELETIVO Nº 001/2011 CONCURSO PÚBLICO EDITAL DE ABERTURA A Presidente do CONSELHO REGIONAL DE QUÍMICA 17ª REGIÃO / ALAGOAS

Leia mais

Instruções para o cadastramento da Operação de Transporte e geração do Código Identificador da Operação de Transporte CIOT.

Instruções para o cadastramento da Operação de Transporte e geração do Código Identificador da Operação de Transporte CIOT. Instruções para o cadastramento da Operação de Transporte e geração do Código Identificador da Operação de Transporte CIOT. Versão: 01/2013 As presentes instruções aplicam-se a todas as Operações de Transportes

Leia mais

Esse documento tem como finalidade instruir o usuário de como utilizar e compreender o sistema da Multwear The Best Brands.

Esse documento tem como finalidade instruir o usuário de como utilizar e compreender o sistema da Multwear The Best Brands. TUTORIAL DE SISTEMA INTRODUÇÃO Esse documento tem como finalidade instruir o usuário de como utilizar e compreender o sistema da Multwear The Best Brands. O material didático a seguir, apesar da fácil

Leia mais

Carrera Pessoal 2015. Guia de uso

Carrera Pessoal 2015. Guia de uso Carrera Pessoal 2015 Guia de uso Bem vindo ao Carrera Pessoal 2015, o gerenciador financeiro ideal. Utilizando o Carrera Pessoal você poderá administrar com facilidade as suas finanças e/ou da sua família.

Leia mais

Cartão Millennium bcp Free Empresas Nov.2011

Cartão Millennium bcp Free Empresas Nov.2011 Empresas Nov.2011 ÍNDICE 1. Características Pág. 3 2. Versões Existentes Pág. 4 3. Operações Disponíveis Pág. 5 4. Plafonds Pág. 5 5. Extractos Pág. 6 6. Modalidades de Carregamento Pág. 7 7. Vantagens

Leia mais

REFORMA ATIVA PPR ESTRATÉGIA TESOURARIA

REFORMA ATIVA PPR ESTRATÉGIA TESOURARIA Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Um investimento responsável exige que conheça as suas implicações e que esteja disposto a aceitá-las. REFORMA ATIVA PPR ESTRATÉGIA TESOURARIA

Leia mais

PERGUNTAS FREQUENTES

PERGUNTAS FREQUENTES PERGUNTAS FREQUENTES SERVIÇO MB WAY O que é o MB WAY? O MB WAY é a primeira solução interbancária que permite fazer compras e transferências imediatas através de smartphone ou tablet. Basta aderir ao serviço

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES

MANUAL DE INSTRUÇÕES NA27 REGI PRO MANUAL DE INSTRUÇÕES Pode agora fazer medições contínuas de ruído, com registo simultâneo de áudio, com um Sonómetro NA27 da RION e um PC DEZEMBRO DE 2011 NA27REGIPRO-001 2011-Adj163-Instrucoes-V01-006-VCR.docx

Leia mais

GUIA PRÁTICO VENDA DE IMÓVEIS POR AJUSTE DIRETO

GUIA PRÁTICO VENDA DE IMÓVEIS POR AJUSTE DIRETO GUIA PRÁTICO VENDA DE IMÓVEIS POR AJUSTE DIRETO INSTITUTO DE GESTÃO FINANCEIRA DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P. ISS, I.P. Departamento/Gabinete Pág. 1/12 FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático Venda de Imóveis por

Leia mais

REGULAMENTO E TABELA GERAL DE TAXAS E LICENÇAS

REGULAMENTO E TABELA GERAL DE TAXAS E LICENÇAS REGULAMENTO E TABELA GERAL DE TAXAS E LICENÇAS DA JUNTA DE FREGUESIA DE SALIR DE MATOS (Lei nº 53-E/2006 de 29 Dezembro) 1 REGULAMENTO E TABELA GERAL DE TAXAS E LICENÇAS JUNTA DE FREGUESIA DE SALIR DE

Leia mais

Manual do Utilizador. Manual do Utilizador Modelo10 no sisgep. Data última versão: 16.02.2007 Versão : 1.2. Data criação: 26.02.

Manual do Utilizador. Manual do Utilizador Modelo10 no sisgep. Data última versão: 16.02.2007 Versão : 1.2. Data criação: 26.02. Manual do Utilizador Modelo10 no sisgep Manual do Utilizador Modelo10 no sisgep Data última versão: 16.02.2007 Versão : 1.2 Data criação: 26.02.2004 Faro R. Dr. José Filipe Alvares, 31 8005-220 FARO Telf.

Leia mais

PHC Servicos BENEFÍCIOS. _Gestão de reclamações. _Controlo de processos que necessitem de informação centralizada

PHC Servicos BENEFÍCIOS. _Gestão de reclamações. _Controlo de processos que necessitem de informação centralizada PHCServicos DESCRITIVO Com este módulo poderá controlar diferentes áreas de uma empresa como, por exemplo, gestão de reclamações e respectivo tratamento, ou controlo de processos e respectivos passos e

Leia mais

b) Envio e Inscrição: A intenção da inscrição deverá ser enviada através do e-mail aferreira.neve@gmail.com

b) Envio e Inscrição: A intenção da inscrição deverá ser enviada através do e-mail aferreira.neve@gmail.com Carnaval na Neve 12 Regulamento para Inscrições Preâmbulo Este regulamento visa estabelecer os critérios de inscrição (Carnaval na Neve), nomeadamente em relação aos pagamentos, devoluções, cheques, entrada

Leia mais

OS SISTEMAS DE INFORMATICA EMBARCADA COMO APOIO À GESTÃO DO SISTEMA RODOVIÁRIO E À ASSISTÊNCIA AOS UTENTES NA ESTRADA

OS SISTEMAS DE INFORMATICA EMBARCADA COMO APOIO À GESTÃO DO SISTEMA RODOVIÁRIO E À ASSISTÊNCIA AOS UTENTES NA ESTRADA OS SISTEMAS DE INFORMATICA EMBARCADA COMO APOIO À GESTÃO DO SISTEMA RODOVIÁRIO E À ASSISTÊNCIA AOS UTENTES NA ESTRADA DOLORES TORRES GESTORA DE PRODUTO TECMIC, SA. RESUMO Existem em Portugal várias soluções

Leia mais

Capítulo 6 Movimentos

Capítulo 6 Movimentos Capítulo 6 Movimentos Neste capítulo pretende-se mostrar como se regista qualquer tipo de movimento. Começase por explicar como é composto o ecrã dos movimentos administrativos, todos os ícones a ele associados

Leia mais

Como pagar - cidadão Atualizado em: 04-04-2016

Como pagar - cidadão Atualizado em: 04-04-2016 SEGURANÇA SOCIAL Como pagar - cidadão Atualizado em: 04-04-2016 Esta informação destina-se a que cidadãos Trabalhadores Independentes Seguro Social Voluntário O que é Os Trabalhadores Independentes e as

Leia mais

Contrato de Adesão Cartão Keve Frota Sonangalp

Contrato de Adesão Cartão Keve Frota Sonangalp Contrato de Adesão Cartão Keve Frota Sonangalp Agência/ CE/ C&P/ Oil & Gás Conta nº 1 NATUREZA DO CLIENTE PARTICULAR EMPRESA 2 IDENTIFICAÇÃO Nome Contribuinte nº E-mail Morada Contacto ÇÃO 3 FROTA SONANGALP

Leia mais

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA Processo 50618.000923/2008-47 1. OBJETO 01.01. Contratação de empresa para fornecimento de combustível para abastecimento dos veículos a serviço da Superintendência Regional

Leia mais

GUIA PRÁTICO SUBSÍDIO PARA ASSISTÊNCIA A FILHO

GUIA PRÁTICO SUBSÍDIO PARA ASSISTÊNCIA A FILHO Manual de GUIA PRÁTICO SUBSÍDIO PARA ASSISTÊNCIA A FILHO INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P ISS, I.P. Departamento/Gabinete Pág. 1/11 FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático -Subsídio para Assistência a Filho

Leia mais

MANUAL DO UTILIZADOR NETEMPREGO

MANUAL DO UTILIZADOR NETEMPREGO DEPARTAMENTO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL MANUAL DO UTILIZADOR NETEMPREGO Titular da candidatura Coordenação: Departamento de Formação Profissional Outubro 2015 ÍNDICE 3 1. Objetivos gerais do manual 3 2.

Leia mais

EXERÍCIOS DE MODELAGEM DE BANCO DE DADOS

EXERÍCIOS DE MODELAGEM DE BANCO DE DADOS EXERÍCIOS DE MODELAGEM DE BANCO DE DADOS Exercício 1 Construa o modelo Entidades-Relacionamentos a partir da seguinte descrição do sistema: Uma empresa de venda de automóveis retende implementar um sistema

Leia mais

INSTITUTO GEOGRÁFICO PORTUGUÊS

INSTITUTO GEOGRÁFICO PORTUGUÊS MINISTÉRIO DO AMBIENTE, DO ORDENAMENTO DO TERRITÓRIO E DO DESENVOLVIMENTO REGIONAL INSTITUTO GEOGRÁFICO PORTUGUÊS CONDIÇÕES E DOCUMENTAÇÃO PARA REQUERER CONCESSÃO / RENOVAÇÃO DE ALVARÁ PARA O EXERCÍCIO

Leia mais

EXECUÇÃO DE TRABALHOS DE DEMOLIÇÃO, ESCAVAÇÃO E CONTENÇÃO PERIFÉRICA

EXECUÇÃO DE TRABALHOS DE DEMOLIÇÃO, ESCAVAÇÃO E CONTENÇÃO PERIFÉRICA Registo nº. Exmº. Sr. Presidente da Câmara Municipal de Cascais Data: / / O Funcionário EXECUÇÃO DE TRABALHOS DE DEMOLIÇÃO, ESCAVAÇÃO E CONTENÇÃO PERIFÉRICA IDENTIFICAÇÃO DO REQUERENTE (Preencher com letra

Leia mais

REGISTRO DE PROJETOS

REGISTRO DE PROJETOS REGISTRO DE PROJETOS 1. REGISTRO DE PROJETOS Esta aplicação tem o objetivo de realizar o Registro de Projetos da Instituição. É possível, incluir, alterar ou excluir essas informações. 1.1. Acessando a

Leia mais

Constituem receitas das freguesias o produto da cobrança de taxas, nomeadamente provenientes da prestação de serviços pelas freguesias;

Constituem receitas das freguesias o produto da cobrança de taxas, nomeadamente provenientes da prestação de serviços pelas freguesias; Considerando que: Se torna necessário aprovar um novo Regulamento das Taxas a aplicar pela Junta de Freguesia pela prestação de serviços administrativos, em ordem à sua harmonização com a recente produção

Leia mais

FUNDOS DE COMPENSAÇÃO

FUNDOS DE COMPENSAÇÃO FUNDOS DE COMPENSAÇÃO FCT, FGCT e ME W: www.centralgest.com E: comercial@centralgest.com 1987-2013 CentralGest - Produção de Software S.A. T: (+351) 231 209 530 Todos os direitos reservados Portugal Angola

Leia mais

Dúvidas frequentes: acesso à rede e e-mails institucionais

Dúvidas frequentes: acesso à rede e e-mails institucionais Desde março de 2016 o acesso à rede corporativa e aos e-mails institucionais dos servidores dos Órgãos Centrais e Diretorias de Ensino é criado através da plataforma Secretaria Escolar Digital (SED). Todas

Leia mais

INSTRUTIVO N.º 04/2013 De 31 de Julho

INSTRUTIVO N.º 04/2013 De 31 de Julho INSTRUTIVO N.º 04/2013 De 31 de Julho ASSUNTO: CASAS DE CÂMBIO - REGRAS OPERACIONAIS Considerando a necessidade de se adequar as regras operacionais das casas de câmbio, ao efectivo monitoramento do fluxo

Leia mais

Licença Especial Ciclomotores. 14 15 anos

Licença Especial Ciclomotores. 14 15 anos Licença Especial Ciclomotores 14 15 anos Licença Especial 50c.c. Destina-se a jovens com 14 ou 15 anos Destina-se a jovens com 14 ou 15 anos já feitos, com aptidão física e mental, com frequência mínima

Leia mais

Folha de Cálculo (Excel)

Folha de Cálculo (Excel) Folha de Cálculo (Excel) DATAS A definir (assim que seja atingido o número mínimo de inscrições) HORÁRIO Pós-Laboral, à 2ª, 3ª e 5ª, das 19h00 às 23h00 ou Sábado, das 9h00 às 13h00 e das 14h30 às 17h30

Leia mais

GUIA DE PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO. GESTÃO DA MEDIDA 511 Assistência Técnica FEADER

GUIA DE PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO. GESTÃO DA MEDIDA 511 Assistência Técnica FEADER GUIA DE PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO GESTÃO DA MEDIDA 511 Assistência Técnica FEADER Outubro 2010 INSTRUÇÕES PARA UMA CORRECTA UTILIZAÇÃO DO FORMULÁRIO Funcionamento genérico Os formulários estão disponíveis

Leia mais

FUNCIONALIDADES DO SISTEMA HOTEL CONTROLL. Login no Sistema:

FUNCIONALIDADES DO SISTEMA HOTEL CONTROLL. Login no Sistema: FUNCIONALIDADES DO SISTEMA HOTEL CONTROLL Login no Sistema: O login do sistema permite com que cada funcionário possua uma senha e tenha suas atividades no sistema registradas. Na reserva ou hospedagem,

Leia mais

INSTRUÇÃO ADMINISTRATIVA Nº 01/2006, ATUALIZADA EM 7 DE FEVEREIRO 2012

INSTRUÇÃO ADMINISTRATIVA Nº 01/2006, ATUALIZADA EM 7 DE FEVEREIRO 2012 INSTRUÇÃO ADMINISTRATIVA Nº 01/2006, ATUALIZADA EM 7 DE FEVEREIRO 2012 REGRAS E CRITÉRIOS PARA O FUNCIONAMENTO DAS OPERAÇÕES DE CONTAS A PAGAR ATRAVÉS DA FADEX TERESINA PI, FEVEREIRO DE 2012 INSTRUÇÃO

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DO CONCURSO

REGULAMENTO GERAL DO CONCURSO REGULAMENTO GERAL DO CONCURSO A Cáritas lança o concurso Imagem, ritmo e história da Cáritas Brasileira para escolher a identidade visual, a música tema e as obras literárias que celebrarão seu aniversário

Leia mais

1. Condições netticket

1. Condições netticket 1. Condições netticket No netticket estão disponíveis bilhetes para os serviços Alfa Pendular e Intercidades. Os bilhetes podem ser adquiridos nos 30 dias anteriores à viagem, até aos 60 minutos que antecedem

Leia mais

Município de Leiria Câmara Municipal

Município de Leiria Câmara Municipal REGULAMENTO DO SERVIÇO DE COMPONENTE DE APOIO À FAMÍLIA PRÉ ESCOLAR E DO SERVIÇO DE REFEIÇÕES NO 1.º CICLO DO ENSINO BÁSICO, DE GESTÃO DIRECTA DO MUNICÍPIO DE LEIRIA Aprovado em reunião de Câmara a 30

Leia mais

GUIA PRÁTICO SUBSÍDIO DE ASSISTÊNCIA A FILHOS COM DEFICIÊNCIA OU DOENÇA CRÓNICA

GUIA PRÁTICO SUBSÍDIO DE ASSISTÊNCIA A FILHOS COM DEFICIÊNCIA OU DOENÇA CRÓNICA Manual de GUIA PRÁTICO SUBSÍDIO DE ASSISTÊNCIA A FILHOS COM DEFICIÊNCIA OU DOENÇA CRÓNICA INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P ISS, I.P. Departamento/Gabinete Pág. 1/11 FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático

Leia mais

GUIAS DA MONTANHA DO PICO Parque Natural da ilha do Pico. Programa do Curso 15 Maio 2015

GUIAS DA MONTANHA DO PICO Parque Natural da ilha do Pico. Programa do Curso 15 Maio 2015 GUIAS DA MONTANHA DO PICO Parque Natural da ilha do Pico Programa do Curso 15 Maio 2015 1. Introdução e objectivos A Direcção Regional do Ambiente em parceria com o Turismo dos Açores promove o curso de

Leia mais

GUIA DE PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO. (Módulo da Entidade Parceira Exclusivamente Financiadora)

GUIA DE PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO. (Módulo da Entidade Parceira Exclusivamente Financiadora) ACÇÃO 4.2.2 REDES TEMÁTICAS DE INFORMAÇÃO E DIVULGAÇÃO GUIA DE PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO (Módulo da Entidade Parceira Exclusivamente Financiadora) União Europeia FEADER PRODER 1 INSTRUÇÕES PARA UMA CORRECTA

Leia mais

Neo Solutions Manual do usuário Net Contábil. Índice

Neo Solutions Manual do usuário Net Contábil. Índice Manual Neo Fatura 2 Índice 1. Introdução... 3 2. Configurando o software para importar dados de clientes... 3 3. Importando o cadastro de clientes... 4 4. Cadastro de Bancos... 5 5. Cadastro de Conta Correntes...

Leia mais

Perguntas mais frequentes

Perguntas mais frequentes Perguntas mais frequentes O que tenho que fazer para antecipar as minhas facturas? 1. Registar-se no BBVA net advance...4 2. Activar/assinar o contrato de adiantamento de facturas de cada cliente 5 3.

Leia mais

REGULAMENTO E TABELA GERAL DE TAXAS DA FREGUESIA DE NEIVA

REGULAMENTO E TABELA GERAL DE TAXAS DA FREGUESIA DE NEIVA REGULAMENTO E TABELA GERAL DE TAXAS DA FREGUESIA DE NEIVA Í N D I C E Preâmbulo Regulamento Capítulo I Disposições Gerais Capítulo II Taxas Capítulo III Liquidação Capítulo IV - Disposições Gerais Anexo

Leia mais

Manual do Usuário. Sistema para Administração de Condomínios MANUAL USUÁRIO. Bancos do Condomínio. ENG Sistemas - 1 -

Manual do Usuário. Sistema para Administração de Condomínios MANUAL USUÁRIO. Bancos do Condomínio. ENG Sistemas - 1 - Sistema para Administração de Condomínios MANUAL DO USUÁRIO Bancos do Condomínio ENG Sistemas - 1 - FUNCIONAMENTO DO MÓDULO... 3 TELA DE EXIBIÇÃO DE BANCOS:... 4 INCLUIR UM NOVO BANCO:... 4 Banco...5 Agência

Leia mais

Assembleia de Freguesia de Rebordões Souto Regulamento e Tabela Geral de Taxas

Assembleia de Freguesia de Rebordões Souto Regulamento e Tabela Geral de Taxas PREÂMBULO A Lei nº 53-E/2006, de 29 de Dezembro, aprovou o regime das taxas das Autarquias Locais, estabelecendo no Artigo 17.º: «As taxas para as autarquias locais actualmente existentes são revogadas

Leia mais

Ter o controle das pastas (Prontuários) armazenadas no "SAME", utilizando-se do recurso do "Volume".

Ter o controle das pastas (Prontuários) armazenadas no SAME, utilizando-se do recurso do Volume. Page 1 of 31 184771 Módulo: AMAP - SAME PDA 184771: Controle do Arquivamento de Pastas do SAME. SOLICITAÇÃO DO CLIENTE Ter o controle das pastas (Prontuários) armazenadas no "SAME", utilizando-se do recurso

Leia mais

Caixa Postal Avançada - Corporativo

Caixa Postal Avançada - Corporativo Caixa Postal Avançada - Corporativo Conceito A antiga Caixa Postal do Corporativo era isenta de cobrança, pois era baseada em um modelo totalmente tradicional, sem nenhuma inovação ou benefício que justificasse

Leia mais

União das Freguesias DE Belver e Mogo de Malta

União das Freguesias DE Belver e Mogo de Malta REGULAMENTO E TABELA GERAL TAXAS Preâmbulo 1) A Lei nº 53-E/2006, de 29 de Dezembro, aprovou o regime das taxas das Autarquia Locais. 2) Assim, considerando o exercício do poder tributário da Freguesia

Leia mais

Ferramentas à disposição dos beneficiários

Ferramentas à disposição dos beneficiários Ferramentas à disposição dos beneficiários O Guia de Gestão do Projecto Processo e regras de funcionamento do Programa: Como encontrar o caminho? Acordo de Concessão FEDER Modelo A Orgãos de gestão Controle

Leia mais

Avisos do Banco de Portugal. Aviso nº 2/2007

Avisos do Banco de Portugal. Aviso nº 2/2007 Avisos do Banco de Portugal Aviso nº 2/2007 O Aviso do Banco de Portugal nº 11/2005, de 13 de Julho, procedeu à alteração e sistematização dos requisitos necessários à abertura de contas de depósito bancário,

Leia mais

Planear. dinamizar. avaliar. orientar. monitorizar

Planear. dinamizar. avaliar. orientar. monitorizar dinamizar Planear orientar avaliar monitorizar Conceito Ankira é uma NOVA Plataforma para A gestão de Estruturas residenciais para idosos. A gestão destes equipamentos assenta em dois pilares fundamentais:

Leia mais