Embriologia: É a parte da Biologia que estuda as transformações que se tem no embrião, desde a formação da célula-ovo até o nascimento.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Embriologia: É a parte da Biologia que estuda as transformações que se tem no embrião, desde a formação da célula-ovo até o nascimento."

Transcrição

1 Embriologia

2 Embriologia: É a parte da Biologia que estuda as transformações que se tem no embrião, desde a formação da célula-ovo até o nascimento.

3 Fecundação Mitoses sucessivas; Crescimento celular: Zigoto: 0, g; Feto (9 meses): +/- 3 Kg; Especialização celular: forma vários tipos celulares (muscular, nervosa, etc.)

4 Fecundação A maior parte dos espermatozoides morre ou se perde no interior do sistema genital feminino; O Ovócito é revestida por uma grossa camada de substâncias protetoras, chamada Zona Pelúcida;

5 Fecundação Na cabeça de um espermatozoide, em sua porção superior, há uma estrutura denominada acrossomo, repleta de enzimas, que irão atuar sobre o a zona pelúcida, degradando-o;

6 Após lançados no interior da vagina, os espermatozoides iniciam sua ascensão até a tuba uterina, passando pelo útero. É na tuba uterina que ocorre a fecundação, caso haja um ovócito. Fecundação

7 Clivagem A partir da primeira divisão mitótica, inicia-se o desenvolvimento embrionário; Formação de blastômeros (primeiras células formadas); Formação da mórula (aglomerado maciço de células);

8 Clivagem A partir da primeira divisão mitótica, inicia-se o desenvolvimento embrionário; Formação de blastômeros (primeiras células formadas); Formação da mórula (aglomerado maciço de células);

9 Clivagem O período de clivagem é marcado pela formação da mórula e termina com o aparecimento do estágio chamado blástula; Nessa fase é que ocorre a implantação do embrião no útero, caracterizando a nidação (ou implantação).

10 Clivagem O período de clivagem é marcado pela formação da mórula e termina com o aparecimento do estágio chamado blástula; Nessa fase é que ocorre a implantação do embrião no útero, caracterizando a nidação (ou implantação).

11 Células TEs Células-tronco embrionárias (TE) As células TEs são totipotentes, ou seja, são capazes de diferenciar em qualquer outro tipo celular;

12 Folhetos embrionários Um folheto embrionário é uma camada de células que aparece no embrião animal por diferenciação(divisão) celular Durante a divisão celular, no embrião humano, três tipos de folhetos embrionários são formados: Endoderma; Mesoderma; Ectoderma. Cada folheto embrionário é responsável, por originar os diferentes órgãos presentes no feto e, posteriomente, no indivíduo adulto;

13 Folhetos embrionários O endoderma (do grego endo, dentro) é o tecido mais interno do embrião, originando o revestimento interno do tubo digestório, o pâncreas, o fígado, e pulmões nos animais terrestres;

14 Folhetos embrionários O mesoderma (do grego meso, meio) é um folheto localizado entre o endoderma e o ectoderma. É responsável pela formação da maior parte dos órgãos e sistemas, como os músculos, o sistema cardiovascular, e outros sistemas.

15 Folhetos embrionários O ectoderma (do grego ecto, fora) reveste externamente o embrião, originando a epiderme e as estruturas relacionadas a ela, como unha, cabelo, pelo, glândulas sebáceas e sudoríparas e o sistema nervoso.

16 Folhetos embrionários

17 Folhetos embrionários Folhetos embrionários Tecidos Ectoderma Epitélio e seus anexos; Sistema Nervoso; Endoderma Mesoderma Epitélio do tubo digestivo; Epitélio do sistema respiratório; Epitélio e glândulas do tubo digestório; Sistema muscular; Sistema circulatório; Esqueleto; Sistema urogenital;

18 Anexos embrionários Além dos folhetos germinativos, encontramos ainda na fase embrionária os anexos embrionários, que participam efetivamente do desenvolvimento do embrião Âmnio ou bolsa amniótica Placenta Cordão umbilical Entre outros

19 Âmnio ou bolsa amniótica Membrana cuja a função é proteger o embrião contra choques mecânicos;

20 Placenta Exclusiva de mamíferos; Realiza trocas respiratórias e de nutrientes; Transmitir ao feto alguns anticorpos e hormônios;

21 Cordão umbilical Liga o feto à placenta; Nutrição do feto, além das trocas gasosas;

Biologia Professor Vianna 2ª série / 1º trimestre

Biologia Professor Vianna 2ª série / 1º trimestre Biologia Professor Vianna 2ª série / 1º trimestre Módulo 1 EMBRIOLOGIA 1 Atualmente já existem protocolos de pesquisa utilizando células-tronco embrionárias na busca de tratamento para várias doenças humanas,

Leia mais

Utilize-se das informações acima e de seus conhecimentos sobre esse assunto e assinale a melhor resposta a ser fornecida pelo ginecologista:

Utilize-se das informações acima e de seus conhecimentos sobre esse assunto e assinale a melhor resposta a ser fornecida pelo ginecologista: Avaliação: Aluno: Data: Ano: Turma: Professor: Biologia Questão 1 A questão da fertilização é muito discutida hoje na mídia, principalmente em programas que visam a informação para leigos interessados

Leia mais

Tipos de óvulos: os óvulos possuem uma substancia de reserva nutritiva chamada vitelo, de acordo com a quantidade e a distribuição do vitelo, os

Tipos de óvulos: os óvulos possuem uma substancia de reserva nutritiva chamada vitelo, de acordo com a quantidade e a distribuição do vitelo, os Embriologia Embriologia é a parte da Biologia que estuda as transformações que se processa no embrião, desde a formação da célula-ovo até o nascimento. Tipos de óvulos: os óvulos possuem uma substancia

Leia mais

a) multiplicação de células, através de mitoses sucessivas.

a) multiplicação de células, através de mitoses sucessivas. Embbr ri iiool llooggi iiaa Huumaannaa... 1 Introdução... 1 Gastrulação... 1 Tipos de óvulos (ovos): classificação e ocorrência.... 2 Tipos de clivagem:... 2 Fases do Desenvolvimento... 3 Destino dos Folhetos

Leia mais

GAMETOGÊNESE. especializadas chamadas de GAMETAS. As células responsáveis pela formação desses gametas são chamadas de GÔNIAS

GAMETOGÊNESE. especializadas chamadas de GAMETAS. As células responsáveis pela formação desses gametas são chamadas de GÔNIAS Embriologia GAMETOGÊNESE É o processo de formação e desenvolvimento de células especializadas chamadas de GAMETAS As células responsáveis pela formação desses gametas são chamadas de GÔNIAS Espermatogônias

Leia mais

Professor: Fernando Stuchi

Professor: Fernando Stuchi Professor: Fernando Stuchi Reprodução Sexuada Ação de células especiais chamadas de gametas, que possuem em seu núcleo metade do material genético de uma célula normal do indivíduo; Com a união dos gametas

Leia mais

Fecundação, desenvolvimento embrionário e gestação. Isabel Dias CEI Biologia 12

Fecundação, desenvolvimento embrionário e gestação. Isabel Dias CEI Biologia 12 Fecundação, desenvolvimento embrionário e gestação Formação de um novo ser encontro do oócito II com espermatozóides Fecundação formação de um ovo desenvolvimento contínuo e dinâmico, com a duração em

Leia mais

Está(ao) correta(s): a) a afirmação III. b) a afirmação II. c) as afirmações I e III. d) as afirmações II e III.

Está(ao) correta(s): a) a afirmação III. b) a afirmação II. c) as afirmações I e III. d) as afirmações II e III. 1. (Udesc 2014) O desenvolvimento embrionário é diversificado entre os diferentes grupos animais, e ocorre, de maneira geral, em três fases consecutivas. Assinale a alternativa correta quanto ao desenvolvimento

Leia mais

Resoluções de Exercícios

Resoluções de Exercícios Resoluções de Exercícios BIOLOGIA IV 01 Embriologia Humana A espermatogônia é uma célula diploide (2n) e o espermatócito II é uma célula haploide (n), portanto, a espermatogônia terá o dobro do número

Leia mais

CÉLULA - TRONCO. São células com capacidade de autorenovação,eficiente

CÉLULA - TRONCO. São células com capacidade de autorenovação,eficiente CÉLULA - TRONCO São células com capacidade de autorenovação,eficiente proliferação, gerando células-filhas com as mesmas características fenotípicas da célula precursora e, ainda, com habilidade de gerar

Leia mais

Embriologia humana: primeira semana de desenvolvimento embrionário

Embriologia humana: primeira semana de desenvolvimento embrionário Embriologia humana: primeira semana de desenvolvimento embrionário Prof. Dr. Daniel F. P. Vasconcelos (Professor Adjunto de Histologia e Embriologia Colegiado de Biomedicina Campus de Parnaíba - UFPI )

Leia mais

Reprodução e Embriologia. Leonardo Rodrigues EEEFM GRAÇA ARANHA

Reprodução e Embriologia. Leonardo Rodrigues EEEFM GRAÇA ARANHA Reprodução e Embriologia. Leonardo Rodrigues EEEFM GRAÇA ARANHA Ciclo Menstrual Menstruação - fluxo de sangue e restos de mucosa uterina periodicamente eliminados pela vagina. Ciclo Menstrual Menstruação

Leia mais

e) O indivíduo X é o esporófito proveniente da multiplicação celular mitótica.

e) O indivíduo X é o esporófito proveniente da multiplicação celular mitótica. Aula n ọ 05 01. A meiose é um processo de divisão celular que ocorre na natureza e que visa à produção de esporos ou gametas. Esta divisão celular produz células-filhas com a metade dos cromossomos da

Leia mais

ULTI RESUMOS BIOLOGIA ULTIRESUMOS.COM.BR - TECIDO CONJUNTIVO PROPRIAMENTE DITO: UltiResumos - Biologia

ULTI RESUMOS BIOLOGIA ULTIRESUMOS.COM.BR - TECIDO CONJUNTIVO PROPRIAMENTE DITO: UltiResumos - Biologia ULTI RESUMOS BIOLOGIA ULTIRESUMOS.COM.BR - TECIDO CONJUNTIVO PROPRIAMENTE DITO: - FROUXO Finalidade: - DENSO + Unir os espaços localizados entre a pele e os órgãos + Apoio aos epitélios + Formam camadas

Leia mais

BIOLOGIA - 3 o ANO MÓDULO 41 EMBRIOLOGIA: FECUNDAÇÃO

BIOLOGIA - 3 o ANO MÓDULO 41 EMBRIOLOGIA: FECUNDAÇÃO BIOLOGIA - 3 o ANO MÓDULO 41 EMBRIOLOGIA: FECUNDAÇÃO Membrana que impede a penetração de outros espermatozóides Fusão das membranas plasmáticas do óvulo e do espermatozóide Núcleo do espermatozóide no

Leia mais

TECIDO NERVOSO. Prof. Esp. André Luís Souza Stella

TECIDO NERVOSO. Prof. Esp. André Luís Souza Stella TECIDO NERVOSO Prof. Esp. André Luís Souza Stella TECIDO NERVOSO Tecido de origem ectodérmica sendo caracterizado pela propriedade de reação a estímulos ambientais; Estes estímulos são percebidas pelo

Leia mais

1. (Ufg 2014) Analise a figura a seguir que representa a gástrula, uma estrutura embrionária.

1. (Ufg 2014) Analise a figura a seguir que representa a gástrula, uma estrutura embrionária. 1. (Ufg 2014) Analise a figura a seguir que representa a gástrula, uma estrutura embrionária. Considerando a figura: a) denomine os folhetos embrionários primordiais X, Y e Z, respectivamente, e identifique

Leia mais

Embriologia. Prof. César Lima

Embriologia. Prof. César Lima Embriologia A embriologia é a parte da Biologia que estuda o desenvolvimento dos embriões animais. Há grandes variações, visto que os animais invertebrados e vertebrados apresentam muitos diferentes aspectos

Leia mais

Segmentação ou clivagem; Gastrulação; Organogênese.

Segmentação ou clivagem; Gastrulação; Organogênese. A embriologia é o estudo do crescimento e da diferenciação sofridos por um organismo no curso de seu desenvolvimento, desde o estágio de ovo até o de um ser altamente complexo, de vida independente e semelhante

Leia mais

Lê com atenção e reflecte antes de responder. Boa sorte!

Lê com atenção e reflecte antes de responder. Boa sorte! Agrupameo de Escolas de Casquilh Escola Secundária de Casquilh 2º Teste Sumativo (90 minut) DISCIPLINA DE BIOLOGIA 12ºano Turmas A e B TEMA: Reprodução Humana e Engenharia Genética Dezembro 2013 Professora

Leia mais

DESENVOLVIMENTO EMBRIONÁRIO. Colégio Cenecista Dr. José Ferreira Profª Glenda Carvalho

DESENVOLVIMENTO EMBRIONÁRIO. Colégio Cenecista Dr. José Ferreira Profª Glenda Carvalho DESENVOLVIMENTO EMBRIONÁRIO Colégio Cenecista Dr. José Ferreira Profª Glenda Carvalho E assim, começa uma nova vida... Os tipos de desenvolvimento embrionário Vivíparos Ovovivíparos Ovíparos Ovulíparos

Leia mais

UPGRADE BIOLOGIA 2. Aula 1: Noções de embriologia e células-tronco. Prof. Diego Ceolin

UPGRADE BIOLOGIA 2. Aula 1: Noções de embriologia e células-tronco. Prof. Diego Ceolin UPGRADE BIOLOGIA 2 Aula 1: Noções de embriologia e células-tronco Prof. Diego Ceolin Desenvolvimento Embrionário Animal Divisões Divisões Cavidade (blastocele) celulares celulares Ovo Gastrulação Mórula

Leia mais

CRESCIMENTO E DESENVOLVIMENTO FETAL

CRESCIMENTO E DESENVOLVIMENTO FETAL Período embrionário Inicio: após fertilização Termino: quando adquire características para ser reconhecido como ser humano ( duração: 8 semanas ) Para torna se um embrião, você tem que construir-se a partir

Leia mais

09. GAMETOGÊNESE CICLO MENSTRUAL EMBRIOLOGIA

09. GAMETOGÊNESE CICLO MENSTRUAL EMBRIOLOGIA 09. GAMETOGÊNESE CICLO MENSTRUAL EMBRIOLOGIA QUESTÃO - 102 A perpetuação da vida em nosso planeta deve-se à característica mais típica dos seres vivos: sua capacidade de se reproduzir. Sobre os mecanismos

Leia mais

UNOCHAPECÓ Disciplina: Genética e Embriologia Professora: Ana Cristina Confortin 2014/01 1) Introdução A Embriologia, é a parte da Biologia que estuda a formação e o desenvolvimento do embrião. Didaticamente

Leia mais

1. Os óvulos de aves e répteis, por possuírem grande quantidade vitelo no pólo vegetativo, denominam-se:

1. Os óvulos de aves e répteis, por possuírem grande quantidade vitelo no pólo vegetativo, denominam-se: 1. Os óvulos de aves e répteis, por possuírem grande quantidade vitelo no pólo vegetativo, denominam-se: a) oligolécitos b) heterolécitos c) mediolécitos d) telolécitos e) centrolécitos 2. O esquema abaixo

Leia mais

Placenta e Membranas Fetais. Prof. Daniela B. Hara

Placenta e Membranas Fetais. Prof. Daniela B. Hara Placenta e Membranas Fetais Prof. Daniela B. Hara 2009/2 Anexos embrionários no desenvolvimento humano Placenta e o cordão umbilical O córion O âmnio O saco vitelínico O alantóide Membranas fetais A parte

Leia mais

TECIDOS EPITELIAIS HISTOLOGIA

TECIDOS EPITELIAIS HISTOLOGIA TECIDOS EPITELIAIS HISTOLOGIA Tecidos: Células justapostas, nas quais o material intersticial é escasso ou inexistente. TECIDOS EPITELIAIS FUNÇÕES: PROTEÇÃO ABSORÇÃO E SECREÇÃO DE SUBSTÂNCIAS PERCEPÇÃO

Leia mais

Etapas de desenvolvimento embrionário. Prof. Weber

Etapas de desenvolvimento embrionário. Prof. Weber Etapas de desenvolvimento embrionário. Prof. Weber Etapas de desenvolvimento embrionário. A embriologia compreende o estudo do desenvolvimento do embrião a partir da célula-ovo, ou zigoto, até a formação

Leia mais

Questões de Embriologia 01

Questões de Embriologia 01 Questões de Embriologia 01 1) (F. M. Catanduva-SP) Assinale a afirmativa incorreta. a) A notocorda está ausente no embrião dos crustáceos. b) Ovos pobres em vitelo são característicos exclusivamente de

Leia mais

REPRODUÇÃO E DESENVOLVIMENTO EMBRIONÁRIO. Professor Heverton Alencar

REPRODUÇÃO E DESENVOLVIMENTO EMBRIONÁRIO. Professor Heverton Alencar REPRODUÇÃO E DESENVOLVIMENTO EMBRIONÁRIO Professor Heverton Alencar Sistema reprodutor masculino Testículo - produção de espermatozoides e também a produção de testosterona (hormônio sexual masculino);

Leia mais

ANATOMIA DE UM ESPERMATOZÓIDE

ANATOMIA DE UM ESPERMATOZÓIDE EMBRIOLOGIA ANATOMIA DE UM ESPERMATOZÓIDE Acrossomo: vesícula formada por lisossomos, com função de romper as barreiras do óvulo. Gameta masculino Responsável pela determinação do sexo do bebê. Região

Leia mais

Embriogênese (parte II) Histologia animal (parte I) Natália A. Paludetto nataliaapaludetto@gmail.com

Embriogênese (parte II) Histologia animal (parte I) Natália A. Paludetto nataliaapaludetto@gmail.com Embriogênese (parte II) Histologia animal (parte I) Natália A. Paludetto nataliaapaludetto@gmail.com Anteriormente... Zigoto Mórula Blástula Gástrula Neurula Organogênese Anexos embrionários Gêmeos Dos

Leia mais

9/11/2010. Prof. MSc. Weverson Pires. wlp_cell@yahoo.com.br pirescell@gmail.com. 3 meses - O sexo já pode ser identificado externamente;

9/11/2010. Prof. MSc. Weverson Pires. wlp_cell@yahoo.com.br pirescell@gmail.com. 3 meses - O sexo já pode ser identificado externamente; Desenvolvimento Humano Prof. MSc. Weverson Pires wlp_cell@yahoo.com.br pirescell@gmail.com Eventos Importantes do Desenvolvimento do Embrião Humano. 24 horas - Primeira divisão do zigoto, com formação

Leia mais

- pouco vitelo distribuído uniformemente nos polos vegetativo e animal; - clivagens do tipo holoblásticas iguais.

- pouco vitelo distribuído uniformemente nos polos vegetativo e animal; - clivagens do tipo holoblásticas iguais. 1. (Unifor 2014) Imagine que você é um cientista! Ao chegar a um laboratório de embriologia, verificou que havia um material a ser identificado no microscópio. O material tratava-se de um zigoto (ou ovo)

Leia mais

Embriologia. Prof. Mateus Grangeiro

Embriologia. Prof. Mateus Grangeiro Embriologia Prof. Mateus Grangeiro OBJETIVOS DA AULA Comparar a espermatogênese com a ovulogênese. Descrever os principais eventos da fecundação. Introduzir os processos básicos do desenvolvimento embrionário,

Leia mais

COL 1414 PROCESSO DE DESENVOLVIMENTO DO FETO GRAVIDEZ 10 PARTES

COL 1414 PROCESSO DE DESENVOLVIMENTO DO FETO GRAVIDEZ 10 PARTES COL 1414 PROCESSO DE DESENVOLVIMENTO DO FETO GRAVIDEZ 10 PARTES O desenvolvimento do feto desde o momento da relação sexual e concepção até o nascimento. Uma vez que o espermatozóide é depositado na vagina,

Leia mais

Exercícios de Embriogênese e Anexos

Exercícios de Embriogênese e Anexos Exercícios de Embriogênese e Anexos Material de apoio do Extensivo 1. (VUNESP) Uma senhora deu à luz dois gêmeos de sexos diferentes. O marido, muito curioso, deseja saber informações sobre o desenvolvimento

Leia mais

Atividades de Embriologia

Atividades de Embriologia DISCIPLINA: Biologia I DATA: 13/09/2017 Atividades de Embriologia 01 - (Cefet MG 2015) Analise a representação da sequência de eventos que ocorrem no aparelho reprodutor feminino humano. 03 - (Mackenzie

Leia mais

CAPACITAÇÃO ESPERMÁTICA. capacitação. Vaca: 6 a 7 horas Porca: 1 a 2 horas

CAPACITAÇÃO ESPERMÁTICA. capacitação. Vaca: 6 a 7 horas Porca: 1 a 2 horas CAPACITAÇÃO ESPERMÁTICA Ejaculação sptz fêmea aptos a fertilização capacitação Vaca: 6 a 7 horas Porca: 1 a 2 horas CAPACITAÇÃO ESPERMÁTICA Processo mediado por proteínas das glândulas sexuais acessórias

Leia mais

O que é gametogênese?

O que é gametogênese? O que é gametogênese? É o processo pelo qual os gametas são produzidos nos organismos dotados de reprodução sexuada. Nos animais, a gametogênese acontece nas gônadas, órgãos que também produzem os hormônios

Leia mais

Organismo. Sistemas. Órgãos. Tecidos. Células

Organismo. Sistemas. Órgãos. Tecidos. Células Organismo Sistemas Órgãos Tecidos Células Histologia animal O ramo da ciência que estuda os tecidos é a Histologia (histo= tecido; logia=estudo). A célula-ovo contém toda a informação genética do futuro

Leia mais

Gametogênese e Embriogênese

Gametogênese e Embriogênese Gametogênese e Embriogênese Material de Apoio para Monitoria 1. Analisando o processo de gametogênese em mamíferos, é correto afirmar que: 01. O gameta feminino é uma célula grande e imóvel cujo citoplasma

Leia mais

Unidade I - Embriologia Geral

Unidade I - Embriologia Geral Unidade I - Embriologia Geral 1.1 - Noções de aparelho reprodutivo e ciclo estral; 1.2 - Fertilização, formação do disco embrionário; 1.3 - Tipos de implantação; 1.4 - Desenvolvimento embrionário; 1.5

Leia mais

Exercícios Propostos Células - tronco Professor Fernando

Exercícios Propostos Células - tronco Professor Fernando Exercícios Propostos Células - tronco Professor Fernando 1. (Fuvest) Células-tronco são células indiferenciadas que têm a capacidade de se diferenciar em diversos tipos celulares. Para que ocorra tal diferenciação,

Leia mais

Classificação: valores

Classificação: valores ESCOLA SECUNDÁRIA DE CASQUILHOS BARREIRO 1º Teste Sumativo DISCIPLINA DE BIOLOGIA 12ºano Turma A TEMA : Reprodução Humana 20 de Outubro de 2011 90 minutos Nome: Nº Classificação: valores A professora:

Leia mais

MEMBRANAS FETAIS. MEMBRANAS FETAIS (córion, âmnio, saco vitelino, alantóide) e PLACENTA - separam o feto do endométrio

MEMBRANAS FETAIS. MEMBRANAS FETAIS (córion, âmnio, saco vitelino, alantóide) e PLACENTA - separam o feto do endométrio MEMBRANAS FETAIS MEMBRANAS FETAIS (córion, âmnio, saco vitelino, alantóide) e PLACENTA - separam o feto do endométrio FUNÇÃO: Proteção,respiração, nutrição, excreção, produção de hormônios Local de trocas

Leia mais

GAMETOGÊNESES & SISTEMAS REPRODUTORES HUMANOS PROF. CARLOS FREDERICO

GAMETOGÊNESES & SISTEMAS REPRODUTORES HUMANOS PROF. CARLOS FREDERICO GAMETOGÊNESES & SISTEMAS REPRODUTORES HUMANOS PROF. CARLOS FREDERICO GAMETOGÊNESES O processo de formação de gametas, na maioria dos animais, se dád através s da meiose e recebe a denominação de gametogênese..

Leia mais

Segmentação Gastrulação Organogênese

Segmentação Gastrulação Organogênese APOSTILA DE EMBRIOLOGIA Prof. Cristiano Nogueira A embriologia é o estudo do desenvolvimento embrionário, que se inicia com a fecundação e se caracteriza não só por uma rápida seqüência de divisões celulares

Leia mais

FECUNDAÇÃO FECUNDAÇÃO OU FERTILIZAÇÃO

FECUNDAÇÃO FECUNDAÇÃO OU FERTILIZAÇÃO FECUNDAÇÃO Prof. Dr. Wellerson Rodrigo Scarano Departamento de Morfologia 1 FECUNDAÇÃO OU FERTILIZAÇÃO Processo pelo qual o gameta masculino (espermatozóide) se une ao gameta feminino (ovócito) para formar

Leia mais

BIOVESTIBA.NET BIOLOGIA VIRTUAL Profº Fernando Teixeira UFRGS EMBRIOLOGIA

BIOVESTIBA.NET BIOLOGIA VIRTUAL Profº Fernando Teixeira UFRGS EMBRIOLOGIA UFRGS EMBRIOLOGIA 1. (Ufrgs 2012) Assinale a alternativa que preenche corretamente as lacunas do enunciado abaixo, na ordem em que aparecem. Em mamíferos, o... e as células trofoblásticas interagem com

Leia mais

REPRODUÇÃO HUMANA. Profª Fernanda Biazin

REPRODUÇÃO HUMANA. Profª Fernanda Biazin REPRODUÇÃO HUMANA Profª Fernanda Biazin Puberdade: período de transição do desenvolvimento humano, correspondente à passagem da fase da infância para adolescência. Alterações morfológicas e fisiológicas

Leia mais

Questões sobre Embriologia - Professor Fernando

Questões sobre Embriologia - Professor Fernando Questões sobre Embriologia - Professor Fernando 1. (Pucrj) O desenvolvimento embrionário pode ser usado para organizar os filos animais de acordo com as diferentes sequências de estágios e graus de complexidade

Leia mais

Embriogênese. Natália A. Paludetto

Embriogênese. Natália A. Paludetto Embriogênese Natália A. Paludetto nataliaapaludetto@gmail.com Embriogênese Após fusão dos núcleos durante a fecundação, formase uma célula ovo ou zigoto. Zigoto primeira célula de um novo ser vivo (2n).

Leia mais

Na verdade apenas a multicelularidade e o desenvolvimento embrionário são características que distinguem o reino animal dos demais reinos

Na verdade apenas a multicelularidade e o desenvolvimento embrionário são características que distinguem o reino animal dos demais reinos 1 2 Na verdade apenas a multicelularidade e o desenvolvimento embrionário são características que distinguem o reino animal dos demais reinos heterótrofos do domínio Eukaria. Tais características estavam

Leia mais

Característica exclusiva dos seres vivos. Fundamental para a manutenção da espécie e não do indivíduo. Em nível molecular a reprodução está associada

Característica exclusiva dos seres vivos. Fundamental para a manutenção da espécie e não do indivíduo. Em nível molecular a reprodução está associada Prof. Júlio Característica exclusiva dos seres vivos. Fundamental para a manutenção da espécie e não do indivíduo. Em nível molecular a reprodução está associada à capacidade do DNA se autoduplicar. SEXUADA

Leia mais

Exercícios de Aprofundamento Biologia - Embriologia

Exercícios de Aprofundamento Biologia - Embriologia 1. (Fgv 2015) A figura ilustra os vasos sanguíneos maternos e fetais na região da placenta, responsável pela troca dos gases respiratórios oxigênio e dióxido de carbono. Como a circulação e a ventilação

Leia mais

Transmissão da Vida... Fisiologia do aparelho reprodutor Ciclos Sexuais Gravidez e Parto

Transmissão da Vida... Fisiologia do aparelho reprodutor Ciclos Sexuais Gravidez e Parto Transmissão da Vida... Fisiologia do aparelho reprodutor Ciclos Sexuais Gravidez e Parto Transmissão da Vida... - Morfologia do Aparelho Reprodutor Feminino Útero Trompa de Falópio Colo do útero Vagina

Leia mais

SISTEMA GENITAL MASCULINO. Testículos

SISTEMA GENITAL MASCULINO. Testículos SISTEMA GENITAL MASCULINO Testículos - São as gônadas ou glândulas sexuais masculinas. Estes encontram-se alojados numa bolsa de pele, o escroto (saco escrotal); - Na fase embrionária estão dentro da cavidade

Leia mais

CICLO OVARIANO. Estas alterações estão sob influencia dos hormônios gonadotrópicos da hipófise anterior.

CICLO OVARIANO. Estas alterações estão sob influencia dos hormônios gonadotrópicos da hipófise anterior. CICLO OVARIANO Formado por várias alterações em um ovário, os quais se repetem a intervalos mensais Estas alterações estão sob influencia dos hormônios gonadotrópicos da hipófise anterior. Principais fases

Leia mais

OVÁRIOS. Fonte de gametas e hormônios

OVÁRIOS. Fonte de gametas e hormônios OVÁRIOS Fonte de gametas e hormônios OVOGÊNESE No feto células germinativas multiplicamse ovogônias Cresce meiose I para na prófase I ovócito I nascimento milhares de ovócitos primários. Ovócito primário

Leia mais

Reprodução humana. Aula 01. Sistema genital masculino Sistema genital feminino Gametogênese. Espermatogênese Ovogênese UNIDADE 3 ESPÉCIE HUMANA

Reprodução humana. Aula 01. Sistema genital masculino Sistema genital feminino Gametogênese. Espermatogênese Ovogênese UNIDADE 3 ESPÉCIE HUMANA Reprodução humana UNIDADE 3 ESPÉCIE HUMANA Sistema genital masculino Sistema genital feminino Gametogênese CAPÍTULO 11 Espermatogênese Ovogênese Aula 01 1. SISTEMA GENITAL MASCULINO ÓRGÃOS DO SISTEMA GENITAL

Leia mais

Exercícios de Biologia Tipos de Ovos e Segmentação

Exercícios de Biologia Tipos de Ovos e Segmentação Exercícios de Biologia Tipos de Ovos e Segmentação TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO (Ufsc) Na(s) questão(ões) a seguir escreva nos parênteses a soma dos itens corretos. 1. A figura a seguir representa a estrutura

Leia mais

REPRODUÇÃO. Prof. Edgard Manfrim - Biologia

REPRODUÇÃO. Prof. Edgard Manfrim - Biologia REPRODUÇÃO Prof. Edgard Manfrim - Biologia REPRODUÇÃO ASSEXUADA BROTAMENTO OU GEMIPARIDADE ESPONGIÁRIO E CELENTERADO ESTROBILIZAÇÃO MEDUSAS REGENERAÇÃO PLANÁRIAS Prof. Edgard Manfrim - Biologia Prof. Edgard

Leia mais

Unidade III Vida e ambiente Aula 14.2 Conteúdo: Reprodução humana

Unidade III Vida e ambiente Aula 14.2 Conteúdo: Reprodução humana A A Unidade III Vida e ambiente Aula 14.2 Conteúdo: Reprodução humana 2 A A Habilidade: Compreender como ocorre a fecundação, a gravidez e o parto em seres humanos. 3 A A Reprodução humana e sexualidade

Leia mais

BIOLOGIA - 1 o ANO MÓDULO 46 ANEXOS EMBRIONÁRIOS

BIOLOGIA - 1 o ANO MÓDULO 46 ANEXOS EMBRIONÁRIOS BIOLOGIA - 1 o ANO MÓDULO 46 ANEXOS EMBRIONÁRIOS Como pode cair no enem? (PUC) O desenvolvimento embrionário nos vertebrados leva à formação, em determinado estágio, de certas estruturas que não

Leia mais

TECIDOS. 1º ano Pró Madá

TECIDOS. 1º ano Pró Madá TECIDOS 1º ano Pró Madá CARACTERÍSTICAS GERAIS Nos animais vertebrados há quatro grandes grupos de tecidos: o muscular, o nervoso, o conjuntivo(abrangendo também os tecidos ósseo, cartilaginoso e sanguíneo)

Leia mais

Embriogênese do Aparelho. as Adaptações. Profa. Dra. Maria Angélica Spadella Disciplina Embriologia Humana FAMEMA

Embriogênese do Aparelho. as Adaptações. Profa. Dra. Maria Angélica Spadella Disciplina Embriologia Humana FAMEMA Embriogênese do Aparelho Respiratório rio e sua relação com as Adaptações à Vida Pós-NatalP Profa. Dra. Maria Angélica Spadella Disciplina Embriologia Humana FAMEMA PERÍODOS DO DESENVOLVIMENTO HUMANO 1)

Leia mais

Tópicos. Reação acrossômica. Implantação embrionária. Desenvolvimento embrionário. Fisiologia da gestação. Parto

Tópicos. Reação acrossômica. Implantação embrionária. Desenvolvimento embrionário. Fisiologia da gestação. Parto Tópicos Reação acrossômica Implantação embrionária Desenvolvimento embrionário Fisiologia da gestação Parto Reação acrossômica Fusão da membrana plasmática do espermatozóide com a membrana externa do acrossomo

Leia mais

A FORMAÇÃO DO EMBRIÃO

A FORMAÇÃO DO EMBRIÃO A FORMAÇÃO DO EMBRIÃO A SEGMENTAÇÃO DO OVO Após a fecundação, a célula-ovo ou zigoto entra logo em segmentação ou clivagem e começa a formar os blastômeros (células embrionárias indiferenciadas). Inicialmente,

Leia mais

Aula II Organização geral do corpo dos animais, Embriologia

Aula II Organização geral do corpo dos animais, Embriologia ZOOLOGIA E PARASITOLOGIA Aula II Organização geral do corpo dos animais, Embriologia Professora: Luciana Alves de Sousa Padrões de Simetria SIMETRIA Partes do corpo com correspondência, em grandeza, forma

Leia mais

COMO SURGEM OS TECIDOS

COMO SURGEM OS TECIDOS TECIDO EPITELIAL COMO SURGEM OS TECIDOS Nos seres de reprodução sexuada, que constituem a maioria dos organismos, todas as células surgem a partir de uma única célula, a célula-ovo. Esta sofre divisões

Leia mais

Escola Básica Vasco da Gama de Sines A REPRODUÇÃO HUMANA

Escola Básica Vasco da Gama de Sines A REPRODUÇÃO HUMANA Página1 A REPRODUÇÃO HUMANA Reprodução sexuada e dimorfismo sexual A reprodução é uma função dos seres vivos que permite dar origem a outros seres da mesma espécie. Reprodução sexuada Na espécie humana

Leia mais

Unidade 7. Fecundação. Gestação. Parto

Unidade 7. Fecundação. Gestação. Parto Unidade 7 Fecundação Gestação Parto Reprodução Sexual A fecundação resulta na formação de uma nova célula (célula-ovo ou zigoto), que dará origem a um novo indivíduo. A célula deste novo indivíduo contém

Leia mais

Tipos de Ovos ou. óvulos ou. ovócitos ou. gametas femininos. Onde Ficam?

Tipos de Ovos ou. óvulos ou. ovócitos ou. gametas femininos. Onde Ficam? Tipos de Ovos ou óvulos ou ovócitos ou gametas femininos Onde Ficam? Nos ovários ou gônadas (glândulas) das fêmeas. artropodes Total blastômeros Holoblástica ocorre em todo o ovo; Meroblástica ocorre em

Leia mais

Histologia animal. Equipe de Biologia

Histologia animal. Equipe de Biologia Histologia animal Equipe de Biologia Tipos de tecidos animais Tecidos epiteliais Tecidos conjuntivos Tecidos musculares http://www.simbiotica.org/tecidosanimal.htm Tecido nervoso Tecidos epiteliais Apresenta

Leia mais

Curso de Capacitação em Biossegurança de OGMs Células-tronco Legislação de Biossegurança

Curso de Capacitação em Biossegurança de OGMs Células-tronco Legislação de Biossegurança Curso de Capacitação em Biossegurança de OGMs Células-tronco Legislação de Biossegurança Florianópolis, Agosto 2004 Células-tronco O que são células-tronco e o que podemos fazer com elas? Qual a relação

Leia mais

ANEXOS EMBRIONÁRIOS EMBRIOLOGIA

ANEXOS EMBRIONÁRIOS EMBRIOLOGIA ANEXOS EMBRIONÁRIOS EMBRIOLOGIA Embriologia A embriologia é a parte da Biologia que estuda o desenvolvimento dos embriões animais. Há grandes variações, visto que os animais invertebrados e vertebrados

Leia mais

EMBRIOLOGIA. Prof. Leonardo F. Stahnke. Embriologia (Ontogênese)

EMBRIOLOGIA. Prof. Leonardo F. Stahnke. Embriologia (Ontogênese) EMBRIOLOGIA Prof. Leonardo F. Stahnke Embriologia (Ontogênese) São os processos de transformação que ocorrem no zigoto após a fecundação e que levam à formação de um indivíduo. 1 Embriologia (Ontogênese)

Leia mais

Homeopatia: Leis de Cura e a Embriologia

Homeopatia: Leis de Cura e a Embriologia 12 12 12 Homeopatia: Leis de Cura e a Embriologia Aplicação da embriologia para: Maurício T. A. Freire -Diferenciar uma cura ideal de outra não ideal na prática homeopática -Entender a Lei de Cura -Entender

Leia mais

UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAI CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE MEDICINA - BACHARELADO

UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAI CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE MEDICINA - BACHARELADO UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAI CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE MEDICINA - BACHARELADO EMENTAS DISCIPLINAS MATRIZ 3 1º AO 3º PERÍODO 1 º Período C.H. Teórica: 90 C.H. Prática: 90 C.H. Total: 180 Créditos: 10

Leia mais

Complexo educacional FMU Curso de Ciências Biológicas. Zoologia de invertebrados I. Reino Animal Principais Características

Complexo educacional FMU Curso de Ciências Biológicas. Zoologia de invertebrados I. Reino Animal Principais Características Complexo educacional FMU Curso de Ciências Biológicas Zoologia de invertebrados I Reino Animal Principais Características Prof: Biólogo Luiz A.B. Mello Lula 2º semestre 2011 2ºsemestre Gráfico da distribuição

Leia mais

Aula 01: Reprodução Reprodução é a capacidade de uma espécie em gerar novos indivíduos da mesma espécie. Ela é uma característica de todo ser vivo.

Aula 01: Reprodução Reprodução é a capacidade de uma espécie em gerar novos indivíduos da mesma espécie. Ela é uma característica de todo ser vivo. Aula 01: Reprodução Reprodução é a capacidade de uma espécie em gerar novos indivíduos da mesma espécie. Ela é uma característica de todo ser vivo. A reprodução é fundamental para a manutenção da espécie,

Leia mais

Níveis de organização do corpo humano - TECIDOS. HISTOLOGIA = estudo dos tecidos

Níveis de organização do corpo humano - TECIDOS. HISTOLOGIA = estudo dos tecidos Níveis de organização do corpo humano - TECIDOS HISTOLOGIA = estudo dos tecidos TECIDOS Grupos de células especializadas, semelhantes ou diferentes entre si, e que desempenham funções específicas. Num

Leia mais

PLANIFICAÇÃO ANUAL DE CIÊNCIAS DA NATUREZA - 6º ANO

PLANIFICAÇÃO ANUAL DE CIÊNCIAS DA NATUREZA - 6º ANO PLANIFICAÇÃO ANUAL DE CIÊNCIAS DA NATUREZA - 6º ANO Livro adotado: Ciências da natureza 6 Satillana Ano Letivo 2012/2013 UNIDADE DIDÁCTICA CONTEÚDOS COMPETÊNCIAS Nº DE AULAS (1ºP) Preparação do ano escolar.

Leia mais

Colégio IMPULSO Prof.: Ramon Lamar BIOLOGIA - 1 EMBRIOLOGIA

Colégio IMPULSO Prof.: Ramon Lamar BIOLOGIA - 1 EMBRIOLOGIA Colégio IMPULSO Prof.: Ramon Lamar BIOLOGIA - 1 EMBRIOLOGIA No sentido restrito, a embriologia cuida apenas do desenvolvimento embrionário (ontogênese). No sentido amplo, a embriologia é o estudo das modificações

Leia mais

22.05. O tipo básico de tecido epitelial é o de revestimento sendo os demais tecidos epiteliais (glandular e neuroepitélio) derivados desse.

22.05. O tipo básico de tecido epitelial é o de revestimento sendo os demais tecidos epiteliais (glandular e neuroepitélio) derivados desse. BIO 8E aula 22 22.01. O tecido epitelial de revestimento é pobre em substância intercelular e avascular. Existe também o tecido epitelial glandular que é derivado do tecido epitelial de revestimento. O

Leia mais

Tio Ton Ciências. Cap Gravidez e Parto

Tio Ton Ciências. Cap Gravidez e Parto Tio Ton Ciências Cap. 17 - Gravidez e Parto Reprodução É a capacidade de gerar descendentes, uma propriedade da vida que pode ser realizada de diferentes formas. Reprodução Assexuada Reprodução sexuada

Leia mais

SISTEMA REPRODUTOR FEMININO. Professor: João Paulo

SISTEMA REPRODUTOR FEMININO. Professor: João Paulo SISTEMA REPRODUTOR FEMININO Professor: João Paulo SISTEMA REPRODUTOR FEMININO É constituído por: uma vulva (genitália externa), uma vagina, um útero, duas tubas uterinas (ovidutos ou trompas de Falópio),

Leia mais

Embriologia de Mamíferos

Embriologia de Mamíferos Embriologia de Mamíferos Profa. Nilza Cristina Buttow Curso pós-graduação: Anatomia e Histologia: Métodos de ensino e pesquisa Embriologia Para tornar se um embrião, você tem que construir-se se a partir

Leia mais

14/03/2017 DESENVOLVIMENTO EMBRIONÁRIA PRÉ-IMPLANTACIONAL, NIDAÇÃO E EMBRIOGÊNESE PROFª MSC. TATIANE DA SILVA POLÓ 1ª E 2ª SEMANAS DE DESENVOLVIMENTO

14/03/2017 DESENVOLVIMENTO EMBRIONÁRIA PRÉ-IMPLANTACIONAL, NIDAÇÃO E EMBRIOGÊNESE PROFª MSC. TATIANE DA SILVA POLÓ 1ª E 2ª SEMANAS DE DESENVOLVIMENTO DESENVOLVIMENTO EMBRIONÁRIA PRÉ-IMPLANTACIONAL, NIDAÇÃO E EMBRIOGÊNESE PROFª MSC. TATIANE DA SILVA POLÓ 1ª E 2ª SEMANAS DE DESENVOLVIMENTO 1 FECUNDAÇÃO Fusão dos pronúcleos = ZIGOTO ATIVAÇÃO DA MITOSE

Leia mais