(Ultrapassar) fronteiras é tradição

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "(Ultrapassar) fronteiras é tradição"

Transcrição

1 (Ultrapassar) fronteiras é tradição Porquê a Universidade de Leipzig? Estudar numa universidade com quase 600 anos e, logo, a segunda mais antiga da Alemanha Desde 2006/07 possui uma estrutura de estudos clara em módulos com graus internacionalmente reconhecíveis Licenciatura Mestrado Doutorado estudantes estrangeiros, entre os quais 50 estudantes brasileiros Excelentes possibilidades de pesquisa convidam os estudantes a fazer aqui o seu doutorado e a pesquisar Não paga mensalidade para cursos de licenciatura e mestrado Em comparação a outras grandes cidades alemãs o custo de vida é comparativamente baixo, p. ex. existem casas a partir de 150 de aluguel (por mês) e é fácil arranjar casa Ambiente pro-estrangeiro numa cidade aberta ao mundo além fronteiras Qual a distância até Leipzig? Quem procura Leipzig no mapa, encontra a cidade no coração da Europa e no meio da Alemanha 1 hora de trem a sul de Berlim. 90 Minutos de voo até Paris. Embora não tenha nada que a compare com estas metrópoles, Leipzig inspira desde sempre as pessoas. Bach, Goethe, Leibniz, Mendelssohn: muitas celebridades estudaram e viveram em Leipzig, e a cidade dos pensadores e músicos ainda atrai gente criativa de todo mundo. Os traços do Brasil em Leipzig Leipzig apresenta-se como cidade com ambições internacionais. Multinacionais como a DHL, a BMW e a Porsche instalaram-se na região de Leipzig. Cientistas pesquisam em 3 Institutos Max-Planck nas áreas de Antropologia Evolucionária, Matemática nas Ciências da Natureza e Ciências de Cognição e Neurociências. Em todas as instalações existe a possibilidade de conjugar a vertente prática com os estudos. A Zeller GmbH, sedeada em Leipzig é um exemplo das empresas que demonstram o interesse das empresas e institutos alemães em oferecer estágios também a futuros cientistas brasileiros. Esta empresa é conhecida no Brasil pela produção de combustível verde através de um processo especial. O Brasil é, junto com o Chile, o parceiro mais importante da Alemanha na América Latina, no que respeita a cooperação na formação e na pesquisa. A Universidade de Leipzig detém há muitos anos parcerias com a Universidade Federal de Pernambuco, a Universidade do Estado do Rio de Janeiro, a Universidade Federal de Santa Catarina em Florianópolis e a Universidade Federal do Paraná em Curitiba. O Deutscher Akademischer Austauschdienst/ DAAD subsidia entre outros o intercâmbio de estudantes entre estas universidades, especialmente nas Ciências da Natureza. Além disso, o DAAD envia há vários anos bolseiros brasileiros do DAAD para o curso do Inverno de Alemão em Leipzig, que decorre através do interdaf e.v. no Instituto Herder da Universidade de Leipzig. De momento, preparamos intensamente o início de um curso Deutsch als Fremdsprache em conjunto com as três Universidades brasileiras de Porto Alegre, Curitiba e Florianópolis e a Universidade de Leipzig para o ano lectivo de 2009/2010.

2 Leipzig baila Samba Leipzig está aberta a novas influências e tanto se abre para as necessidades da economia como para as das pessoas. Os 150 estudantes atualmente inscritos num dos cursos com ênfase no Brasil provam que, especialmente os jovens, têm um grande interesse no saber viver, na cultura e língua do Brasil. Um publico encantado confirma a eleição do estádio central de Leipzig como local para o Samba Soccer Charity", um jogo solidário a favor das aldeias SOS entre as estrelas do futebol do Brasil e da Alemanha, no âmbito da copa do mundo de futebol 2006 na Alemanha. A equipa do Brasil foi chefiada por Carlos Dunga, capitão da Equipa Nacional do Brasil em Parte indispensável da Semana Académica Internacional da Universidade de Leipzig anual é a Radio Brasil - Noite musical da emissora Radio Blau ou do Restaurante Zuckerhut que adotou como nome o Pão de Açúcar, ou a Noite brasileira, todos querem levar o espírito do Brasil para Leipzig. Os habitantes de Leipzig, cidade do músico Johann Sebastian Bach não só vivem de música clássica mas também dos ritmos e danças brasileiras. O professor de dança Paulo Siqueira com a sua arte Capoeira com música e acrobática tanto encanta como a dançarina de ballet Mariana Dias, nascida no Rio de Janeiro nas suas apresentações como membro do famoso Ballet de Leipzig. Talvez também você anime um dia a cidade de Leipzig bailando, quando dançar Samba junto com os estudantes de Leipzig na festa Party Brasil no Volkshaus. Estudar em Leipzig Depois de Heidelberg, Leipzig abriga a segunda mais antiga universidade alemã, leccionando sem interrupção. Iniciando serviços em 1409, tem uma tradição de quase 600 anos. Hoje existem mais de 100 cursos nas 14 faculdades da universidade. Os cursos vão das ciências tradicionais como Medicina, Economia, Direito, Ciências da Natureza e Humanísticas até as áreas modernas de pesquisa nas Ciências Biológicas e nas Ciências de Comunicação. Além disso, a universidade desenvolve programas de estudos inovadores e únicas como Informática na Medicina ou Química do Ambiente para fazer face aos novos desafios da economia e da sociedade. Pode obter informações detalhadas sobre os currículos atuais dos vários cursos nos sites na Internet da Universidade de Leipzig. (www.uni-leipzig.de/zsb/studgang.html) Alguns cursos muito frequentados têm acesso limitado a nível da Alemanha, ou apenas na Universidade de Leipzig. Ter acesso limitado significa que só um certo número de lugares está disponível para este curso. A atribuição destes lugares depende das notas dos candidatos e fica sujeito a um processo de eleição pela Universidade de Leipzig. Custos Com excepção de alguns programas de Mestrado para pós graduação, os estudos básicos na Universidade de Leipzig não carecem de mensalidade. O estudante deve contar com custos mensais de 550,00 para financiar o seu próprio sustento. A Universidade de Leipzig não pode atribuir bolsas para sustento próprio. O Deutscher Akademischer Austauschdienst (DAAD) informa sobre as várias possibilidades de bolsas. (www.daad.de)

3 Diplomas Desde o ano lectivo de 2006/2007, a Universidade de Leipzig oferece principalmente cursos de licenciatura e de mestrado nas Ciências da Natureza, Humanísticas e Ciências Sociais. Juristas, médicos e farmacêuticos fazem um exame oficial, o assim chamado Staatsexamen. O diploma pode ser adquirido em três cursos na Universidade de Leipzig (Teologia protestante, Matemática e Matemática de Economia). No decurso de uma vasta reforma do sistema universitário, o sistema de estudos foi transferido para um sistema de três fases (Licenciatura Mestrado Doutorado). Assim, um curso de três anos leva ao primeiro grau académico, a licenciatura. A seguir pode fazer um mestrado de dois anos, com a possibilidade de aprofundamento e especialização. Depois tem a possibilidade do Doutorado. A Universidade de Leipzig oferece os seguintes graus nos respectivos cursos: Doutorado Duração: 3 5 anos Em geral, é possível obter na Universidade de Leipzig o doutorado em todos os cursos oferecidos. A Academia Mestrado 2 anos Master of Arts (M.A.) Master of Science (M.Sc.) Master of Law (LL.M.) Diploma 5 anos Teologia Protestante Matemática Matemática de Economia Staatsprüfung Medicina Farmacêutica Direito Medicina Veterinária Medicina Dentária 6 anos Licenciatura 3 anos Bachelor of Arts (B.A.) Bachelor of Science (BSc.) Ano s

4 Processo de Candidatura e Condições de Admissão As Condições de Admissão e o Processo de Candidatura dependem do grau que você quer atingir na Universidade de Leipzig. Do banco de dados dos cursos, que pode visualizar no nosso site, resulta: Com que grau o curso é oferecido, Quais qualificações devem ser preenchidas e Se existe uma limitação à admissão. Para um primeiro grau académico (Licenciatura, Staatsprüfung ou Diploma): Para poder iniciar os estudos na Universidade de Leipzig, os candidatos brasileiros devem ter estudado 2 anos numa Universidade no Brasil após terem concluído o ensino médio. Os estudos em Leipzig exigem, além da aptidão profissional, os respectivos conhecimentos de Alemão. Conhecimentos de base num mínimo de 500 horas devem ser comprovados já na candidatura. Se preenche estas condições, é possível candidatar-se a um curso na Universidade de Leipzig. (1) Se consegue comprovar meio ano de estudos num curso de licenciatura com um mínimo de quatro anos numa universidade reconhecida no Brasil e frequentou um mínimo de 500 horas de aulas de Alemão, pode se candidatar a um curso. Antes dos estudos especializados vai estudar no máximo um ano no Colégio de Sachsen da Universidade de Leipzig e vai ser preparado em cursos específicos para o assim chamado Feststellungsprüfung (Exame decisivo), que o habilita aos estudos na Universidade de Leipzig. Dirija a sua candidatura para uni-assist e. V. (ver quadro). (2) Se consegue comprovar meio ano de estudos num curso de licenciatura com um mínimo de quatro anos numa universidade reconhecida no Brasil e possui até ao prazo final das candidaturas conhecimentos de Alemão de Nível 2 do Deutsche Sprachprüfung für den Hochschulzugang (DSH-2) ou do TestDaF Nível 4 (TDN4), pode se candidatar a um curso parecido a sua área (p.ex. com Economia no Brasil é possível candidatar-se ao curso de Ciências da Economia, Informática da Economia ou Matemática da Economia na Universidade de Leipzig). Dirija a sua candidatura para uni-assist e. V. (ver quadro). (3) Se já possui um grau académico, tem a possibilidade a se candidatar a um curso de base adicional (Licenciatura, Diploma, Staatsprüfung), não parecido com a sua área actual. No prazo final de candidaturas tem de possuir conhecimentos de Alemão de Nível 2 do Deutsche Sprachprüfung für den Hochschulzugang (DSH-2) ou do TestDaF Nível 4 (TDN4). Dirija a sua candidatura para uni-assist e. V. (ver quadro). Deve entregar todos os seguintes documentos na uni-assist e. V.: - Requerimento de Admissão com foto tipo (3/4), - Cópia autenticada de cada um dos seguintes documentos: - Certificado da conclusão do ensino médio, - Notas da conclusão do ensino médio, - Comprovativo dos estudos já efectuados (cursos com notas) ou respectivos diplomas (p. ex. Mestrado, Diploma)

5 - Certificado de comprovação dos conhecimentos de Alemão Se os seus documentos não estiverem em língua alemã, inglesa ou francesa, deve juntar aos documentos de candidatura uma cópia autenticada da tradução do documento original para um destes três idiomas. Nos vários cursos existem condições adicionais de admissão. Se trata na maioria de certas exigências linguísticas, exames para comprovar a aptidão ou atividades profissionais específicas. Veja os pormenores no respetivo Regulamento de Estudos. Reconhecimento de estudos já efetuados: Geralmente é possível mandar reconhecer estudos já efetuados no Brasil na Universidade de Leipzig. O reconhecimento acontece geralmente de maneira individual, comparando o curso nas instituições de exame da respectiva faculdade. Geralmente é indispensável esclarecer, antes da candidatura, quais os estudos e exames que podem revelar ser úteis para o estudo em Leipzig. Para um segundo grau académico (Mestrado): Veja os pormenores das modalidades de candidatura para um curso de mestrado nos respetivos sites. Entre no Studiengangsdatenbank (banco de dados do curso) (ver quadro). Condição para um curso de mestrado é um diploma específico (p.ex. licenciatura). O comprovativo da licenciatura, mas também um diploma ou um certificado de especificação são condição de admissão para um curso de mestrado. A admissão pode depender de mais condições de admissão especiais, assim os cursos de mestrado na Universidade de Leipzig necessitam do Eignungsfeststellungsprüfung (exame de comprovação da aptidão). Dirija a sua candidatura ao Akademisches Auslandsamt da Universidade de Leipzig. Para um Doutorado: Na Universidade de Leipzig há duas vias para o doutorado. A primeira leva-o a um programa de doutorado estruturado. Veja as condições e o processo de candidatura nos sites da Forschungsakademie (Academia de Pesquisa) de Leipzig (ver quadro). A segunda via leva-o para fora do programa de doutorado. Pesquise se o seu tema se integra no perfil de pesquisa da Universidade de Leipzig e procure um professor que aceite o seu tema ou que lhe proponha um tema. No caso positivo recebe uma Betreuererklärung (declaração de acompanhamento) de um professor da Universidade de Leipzig e pode de seguida candidatar-se ao Akademisches Auslandsamt na Senhora Sabine Klimmek. Desde existem geralmente novos prazos de candidatura na Universidade de Leipzig: para inicio de estudos no semestre de Inverno (Outubro) do ano anterior para o inicio de estudos no semestre de Verão (Abril). Pode obter Ajuda e Aconselhamento antes da candidatura nas seguintes Instituições: Informação Aconselhamento, Akademisches Auslandsamt der Universität Leipzig

6 Candidatura, Admissão Goethestraße LEIPZIG ALEMANHA Candidatura Universität Leipzig c/o uni-assist e. V. Helmholtzstraße BERLIN ALEMANHA Cursos na Universidade de Leipzig Studiengangsdatenbank der Universität Leipzig zsb/studgang.html Aprender Alemão interdaf e.v. am Herder- Institut der Universität Leipzig Alemão (DSH) + Exame de Studienkolleg Sachsen Habilitação Programas de Doutorado Forschungsakademie Leipzig Bolsas DAAD Estudantes estrangeiros respondem as vossas questões RAS Referat ausländischer Studierender Internationale Doktorandeninitiative der Universität Leipzig HFK Haus der Fünf Kontinente

DAAD CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO 2014-2016. Deutscher Akademischer Austausch Dienst Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico

DAAD CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO 2014-2016. Deutscher Akademischer Austausch Dienst Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico DAAD Deutscher Akademischer Austausch Dienst Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico Escritório Regional Rio de Janeiro CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO NAS ÁREAS DE DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL 2014-2016 Com este

Leia mais

Mestrado em Têxtil e Confecção (simultâneos)

Mestrado em Têxtil e Confecção (simultâneos) Instituto Técnico Têxtil e do Vestuário Universidade Técnica de Dresden Faculdade de Ciências Mecânicas Diretor do Instituto: Prof. Dr.-Ing. habil. Dipl.-Wirt. Ing. Ch. Cherif Mestrado em Têxtil e Confecção

Leia mais

DE ESTUDO E PESQUISA NA ALEMANHA. Rafaela Giordano rafaela@daad.org.br

DE ESTUDO E PESQUISA NA ALEMANHA. Rafaela Giordano rafaela@daad.org.br OPORTUNIDADES DE ESTUDO E PESQUISA NA ALEMANHA Rafaela Giordano rafaela@daad.org.br O Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico (DAAD) é a maior organização de fomento do mundo para o intercâmbio internacional

Leia mais

Ciência sem Fronteiras Alemanha (CsF) Oferta curricular para bolsistas CsF. Programa de Engenharia de Processos Resumo

Ciência sem Fronteiras Alemanha (CsF) Oferta curricular para bolsistas CsF. Programa de Engenharia de Processos Resumo Bernburg Dessau Köthen Hochschule Anhalt Fachbereich Angewandte Biowissenschaften und Prozesstechnik Ciência sem Fronteiras Alemanha (CsF) Oferta curricular para bolsistas CsF Departamento de Biociências

Leia mais

DIRETRIZES PARA O PROGRAMA DE INCENTIVO A TALENTOS DA KONRAD-ADENAUER-STIFTUNG

DIRETRIZES PARA O PROGRAMA DE INCENTIVO A TALENTOS DA KONRAD-ADENAUER-STIFTUNG DIRETRIZES PARA O PROGRAMA DE INCENTIVO A TALENTOS DA KONRAD-ADENAUER-STIFTUNG e. V. - INCENTIVO A ESTRANGEIROS - SELEÇÃO NO EXTERIOR Janeiro de 2011 OBJETIVOS A Konrad-Adenauer-Stiftung (KAS) incentiva

Leia mais

Ciência sem Fronteiras Alemanha (CsF) Oferta curricular para bolsistas CsF

Ciência sem Fronteiras Alemanha (CsF) Oferta curricular para bolsistas CsF Ciência sem Fronteiras Alemanha (CsF) Oferta curricular para bolsistas CsF Departamento de Informática e Idiomas da Universidade de Resumo 2 Introdução O programa de estudos Desenvolvimento de software

Leia mais

Programa Conjunto de Bolsas de Doutorado na República Federal da Alemanha 2010/2011 DAAD - CAPES CNPq

Programa Conjunto de Bolsas de Doutorado na República Federal da Alemanha 2010/2011 DAAD - CAPES CNPq Programa Conjunto de Bolsas de Doutorado na República Federal da Alemanha 2010/2011 DAAD - CAPES CNPq I. DEFINIÇÃO E OBJETIVO As bolsas do Programa conjunto de doutorado na Alemanha são concedidas em cooperação

Leia mais

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS CHAMADA DE SELEÇÃO INTERNA, PARA ALUNOS DA UEA, PARA GRADUAÇÃO SANDUÍCHE NA FRANÇA

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS CHAMADA DE SELEÇÃO INTERNA, PARA ALUNOS DA UEA, PARA GRADUAÇÃO SANDUÍCHE NA FRANÇA PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS CHAMADA DE SELEÇÃO INTERNA, PARA ALUNOS DA UEA, PARA GRADUAÇÃO SANDUÍCHE NA FRANÇA Tendo em vista a oportunidade propiciada pelo Programa Ciência sem Fronteiras, a Assessoria

Leia mais

PROGRAMA DE CRIAÇÃO DE TALENTOS PARA ANGOLA BOLSA ESCOM Bolsa de Estudo para Cursos Superiores

PROGRAMA DE CRIAÇÃO DE TALENTOS PARA ANGOLA BOLSA ESCOM Bolsa de Estudo para Cursos Superiores PROGRAMA DE CRIAÇÃO DE TALENTOS PARA ANGOLA BOLSA ESCOM Bolsa de Estudo para Cursos Superiores A pretende impulsionar as actividades de Responsabilidade Social em Angola, contribuindo para o seu desenvolvimento.

Leia mais

1 INFORMAÇÕES SOBRE O TITULAR DA QUALIFICAÇÃO. 1.1 Apelido(s): xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx. 1.3 Data de nascimento (ano/mês/dia): xxxxxxx

1 INFORMAÇÕES SOBRE O TITULAR DA QUALIFICAÇÃO. 1.1 Apelido(s): xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx. 1.3 Data de nascimento (ano/mês/dia): xxxxxxx SUPLEMENTO AO DIPLOMA Este Suplemento ao Diploma segue o modelo elaborado pela Comissão Europeia, pelo Conselho da Europa e pela UNESCO/CEPES. A finalidade deste Suplemento é fornecer dados independentes

Leia mais

申 請 人 須 於 研 究 生 資 助 發 放 技 術 委 員 會 的 網 上 系 統 填 寫 申 請 表, 然 後 列 印 並 簽 署, 連 同 有 關 申 請 文 件 一 併 遞 交

申 請 人 須 於 研 究 生 資 助 發 放 技 術 委 員 會 的 網 上 系 統 填 寫 申 請 表, 然 後 列 印 並 簽 署, 連 同 有 關 申 請 文 件 一 併 遞 交 申 請 人 須 於 研 究 生 資 助 發 放 技 術 委 員 會 的 網 上 系 統 填 寫 申 請 表, 然 後 列 印 並 簽 署, 連 同 有 關 申 請 文 件 一 併 遞 交 Os candidatos a bolsas de mérito para estudos pós-graduados devem preencher on-line o boletim de candidatura.

Leia mais

PROPINAS E EMOLUMENTOS 2014-2015 PROPINAS E EMOLUMENTOS 2014 / 2015

PROPINAS E EMOLUMENTOS 2014-2015 PROPINAS E EMOLUMENTOS 2014 / 2015 PROPINAS E EMOLUMENTOS 2014 / 2015 30-06-2014 INTRODUÇÃO Este sistema de propinas e emolumentos constitui um mecanismo inovador que permite ao estudante fasear e planear o seu plano de estudos curricular,

Leia mais

CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS Oportunidades na Alemanha

CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS Oportunidades na Alemanha CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS Oportunidades na Alemanha Um programa de bolsas de O que é o DAAD? Associação de Instituições de Ensino Superior da Alemanha: 231 IES e 124 organizações estudantis foi fundado em

Leia mais

1 INFORMAÇÕES SOBRE O TITULAR DA QUALIFICAÇÃO. 1.1 Apelido(s): xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx. 1.3 Data de nascimento (ano/mês/dia): xxxxxxx

1 INFORMAÇÕES SOBRE O TITULAR DA QUALIFICAÇÃO. 1.1 Apelido(s): xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx. 1.3 Data de nascimento (ano/mês/dia): xxxxxxx SUPLEMENTO AO DIPLOMA Este Suplemento ao Diploma segue o modelo elaborado pela Comissão Europeia, pelo Conselho da Europa e pela UNESCO/CEPES. A finalidade deste Suplemento é fornecer dados independentes

Leia mais

BOLSAS DE ESTUDO PARA O JAPÃO ANOS ACADÉMICOS DE 2015-2017

BOLSAS DE ESTUDO PARA O JAPÃO ANOS ACADÉMICOS DE 2015-2017 BOLSAS DE ESTUDO PARA O JAPÃO ANOS ACADÉMICOS DE 2015-2017 O Ministério da Educação, Cultura, Desporto, Ciência e Tecnologia do Japão (Monbukagakusho) concede bolsas de estudo a licenciados portugueses

Leia mais

Um Guia para Acadêmicos CsF

Um Guia para Acadêmicos CsF Um Guia para Acadêmicos CsF Chegada na Alemanha Chegada em Leipzig A vida em Leipzig Outras informações Chegada na Alemanha Visto Cidadãos brasileiros podem entrar na Alemanha sem visto, desde que não

Leia mais

A Embaixada e os Consulados Gerais da República Federal da Alemanha no Brasil informam: Visto para Intercâmbio Escolar

A Embaixada e os Consulados Gerais da República Federal da Alemanha no Brasil informam: Visto para Intercâmbio Escolar A Embaixada e os Consulados Gerais da República Federal da Alemanha no Brasil informam: Visto para Intercâmbio Escolar I. Informações Gerais Viajando diretamente para a Alemanha, cidadãos brasileiros não

Leia mais

AVISO 2 - Duração dos contratos 3 - Caracterização dos postos de trabalho: 4 - Requisitos gerais de admissão:

AVISO 2 - Duração dos contratos 3 - Caracterização dos postos de trabalho: 4 - Requisitos gerais de admissão: AVISO 1 - Para efeitos do disposto no artigo 19.º da Portaria da 83-A/2009,de 22 de Janeiro, alterada e republicada em anexo à Portaria n.º 145-A/2011, de 06/04, na sequência da deliberação da Câmara Municipal

Leia mais

INSTITUTO CIÊNCIAS DA SAÚDE DA UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA

INSTITUTO CIÊNCIAS DA SAÚDE DA UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA INSTITUTO CIÊNCIAS DA SAÚDE DA UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA Mobilidade Internacional para Estudos REGULAMENTO CAPÍTULO I Disposições Gerais Artigo 1º (Objeto) O presente regulamento rege a mobilidade

Leia mais

NOTÍCIAS DA FRANÇA Dezembro de 2007

NOTÍCIAS DA FRANÇA Dezembro de 2007 NOTÍCIAS DA FRANÇA Dezembro de 2007 Bolsas de estudos com inscrições abertas BOLSA EIFFEL Bolsa de excelência oferecida pelo Ministério das Relações Exteriores da França com valor mensal de aproximadamente

Leia mais

Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro

Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro REGULAMENTO DO CONCURSO ESPECIAL DE ACESSO E INGRESSO DO ESTUDANTE INTERNACIONAL NOS CURSOS DO 1.º CICLO DE ESTUDOS E MESTRADO INTEGRADO NA UNIVERSIDADE DE TRÁS-OS-MONTES E ALTO DOURO Artigo 1.º Âmbito

Leia mais

INTERCÂMBIO DE ESTUDANTES AO ABRIGO DE ACORDOS DE COOPERAÇÃO. Candidaturas para o Ano Académico 2011/2012

INTERCÂMBIO DE ESTUDANTES AO ABRIGO DE ACORDOS DE COOPERAÇÃO. Candidaturas para o Ano Académico 2011/2012 INTERCÂMBIO DE ESTUDANTES AO ABRIGO DE ACORDOS DE COOPERAÇÃO Candidaturas para o Ano Académico 2011/2012 Serviço de Cooperação com os Países Lusófonos e Latino-Americanos SCPLLA Endereço Reitoria da Universidade

Leia mais

DOS REQUISITOS PARA O CANDIDATO

DOS REQUISITOS PARA O CANDIDATO DOS REQUISITOS PARA O CANDIDATO 1 - Candidatura Mediante Adesão da IES Programa Ciência sem Fronteiras: O estudante da Universidade Federal de Uberlândia/UFU só poderá se inscrever nas Chamadas abertas

Leia mais

FORMULÁRIO DE CANDIDATURA INDIVIDUAL PARA BOLSAS DE DOUTORAMENTO EM EMPRESAS (BDE)*

FORMULÁRIO DE CANDIDATURA INDIVIDUAL PARA BOLSAS DE DOUTORAMENTO EM EMPRESAS (BDE)* FORMULÁRIO DE CANDIDATURA INDIVIDUAL PARA BOLSAS DE DOUTORAMENTO EM EMPRESAS (BDE)* Bolsa / / Reservado aos Serviços A preencher pelo candidato Nome completo: Domínio científico principal (indicar apenas

Leia mais

Programa Conjunto de Bolsas de Doutorado na República Federal da Alemanha 2011/2012 DAAD/ CAPES/CNPq

Programa Conjunto de Bolsas de Doutorado na República Federal da Alemanha 2011/2012 DAAD/ CAPES/CNPq Programa Conjunto de Bolsas de Doutorado na República Federal da Alemanha 2011/2012 DAAD/ CAPES/CNPq I. DEFINIÇÃO E OBJETIVO As bolsas do Programa conjunto de doutorado na Alemanha são concedidas em cooperação

Leia mais

Faculdade de Teologia da Universidade Católica Portuguesa

Faculdade de Teologia da Universidade Católica Portuguesa Faculdade de Teologia da Universidade Católica Portuguesa MOBILIDADE INTERNACIONAL PARA ESTUDOS REGULAMENTO CAPÍTULO I Disposições Gerais Artigo 1º (Objeto) O presente regulamento rege a mobilidade internacional

Leia mais

GABINETE DO REITOR COORDENAÇÃO DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS

GABINETE DO REITOR COORDENAÇÃO DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS GABINETE DO REITOR COORDENAÇÃO DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS PROGRAMA DE GRADUAÇÃO / DOUTORADO SANDUÍCHE / PÓS-DOUTORADO / PESSOAL ACADEMICO E ADMINISTRATIVO PROGRAMA ERASMUS MUNDUS EBW+ Edital de Seleção

Leia mais

FAQ S ESTUDOS ERASMUS

FAQ S ESTUDOS ERASMUS FAQ S ESTUDOS ERASMUS 1. Quem se pode candidatar? Podem-se candidatar ao programa Erasmus todos os estudantes cidadãos, ou com estatuto de residente permanente de um dos 27 países da União Europeia, e

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO SERVIÇO DE PSICOLOGIA E ORIENTAÇÃO

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO SERVIÇO DE PSICOLOGIA E ORIENTAÇÃO OBJETIVOS Os cursos científico-humanísticos estão vocacionados para o prosseguimento de estudos de nível superior, de caráter universitário ou politécnico. DURAÇÃO Têm a duração de 3 anos letivos correspondentes

Leia mais

EDITAL Nº 004/2012-PRPI

EDITAL Nº 004/2012-PRPI EDITAL Nº 004/2012-PRPI A Pró-reitora de Pesquisa e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará - IFCE, no uso de suas atribuições, torna público que estão abertas as inscrições

Leia mais

Ministério Federal do Trabalho e dos Assuntos Sociais

Ministério Federal do Trabalho e dos Assuntos Sociais Ministério Federal do Trabalho e dos Assuntos Sociais Directiva para o programa especial da Federação Alemã para o Fomento da mobilidade profissional de jovens interessados em formação e jovens profissionais

Leia mais

PROGRAMAS DE MOBILIDADE - GUIA DO ALUNO

PROGRAMAS DE MOBILIDADE - GUIA DO ALUNO PROGRAMAS DE MOBILIDADE - GUIA DO ALUNO 1. ENTIDADES COORDENADORAS Coordenador de Mobilidade do Mestrado em: Engenharia Biológica (https://fenix.tecnico.ulisboa.pt/cursos/mebiol/programas-de-mobilidade

Leia mais

Bolsa de Gestão de Ciência e Tecnologia (BGCT) (M/F) AVISO DE ABERTURA DE CONCURSO

Bolsa de Gestão de Ciência e Tecnologia (BGCT) (M/F) AVISO DE ABERTURA DE CONCURSO Bolsa de Gestão de Ciência e Tecnologia (BGCT) (M/F) AVISO DE ABERTURA DE CONCURSO O Exploratório - Centro Ciência Viva de Coimbra torna pública a abertura de concurso para a atribuição de uma Bolsa de

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO SECRETARIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS MOBILIDADE ACADÊMICA DE GRADUAÇÃO EDITAL 01/2015

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO SECRETARIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS MOBILIDADE ACADÊMICA DE GRADUAÇÃO EDITAL 01/2015 MOBILIDADE ACADÊMICA DE GRADUAÇÃO EDITAL 01/2015 Vitória, 28 de janeiro de 2015. APRESENTAÇÃO A Secretaria de Relações Internacionais da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES), no uso de suas atribuições

Leia mais

BOLSAS DE ESTUDO PARA O JAPÃO ANOS ACADÉMICOS DE 2014-2016

BOLSAS DE ESTUDO PARA O JAPÃO ANOS ACADÉMICOS DE 2014-2016 BOLSAS DE ESTUDO PARA O JAPÃO ANOS ACADÉMICOS DE 2014-2016 O Ministério da Educação, Cultura, Desporto, Ciência e Tecnologia do Japão (Monbukagakusho) concede bolsas de estudo a licenciados portugueses

Leia mais

FORMULÁRIO DE CANDIDATURA INDIVIDUAL PARA BOLSAS DE DOUTORAMENTO EM EMPRESAS (BDE)*

FORMULÁRIO DE CANDIDATURA INDIVIDUAL PARA BOLSAS DE DOUTORAMENTO EM EMPRESAS (BDE)* FORMULÁRIO DE CANDIDATURA INDIVIDUAL PARA BOLSAS DE DOUTORAMENTO EM EMPRESAS (BDE)* Bolsa / / Reservado aos Serviços A preencher pelo candidato Nome completo: Domínio científico principal (indicar apenas

Leia mais

O REITOR DO CENTRO UNIVERSITÁRIO DE ANÁPOLIS UniEVANGÉLICA, no uso de suas atribuições, torna público o

O REITOR DO CENTRO UNIVERSITÁRIO DE ANÁPOLIS UniEVANGÉLICA, no uso de suas atribuições, torna público o CENTRO UNIVERSITÁRIO DE ANÁPOLIS REITORIA EDITAL Nº. 30, DE 26 DE AGOSTO DE 2015. SELEÇÃO PARA PROGRAMA DE BOLSAS ERASMUS MUNDUS PROJETO EURO BRAZILIAN WINDOWS (EBW +). O REITOR DO CENTRO UNIVERSITÁRIO

Leia mais

Programa Especial de Mobilidade Internacional Governo Federal (CAPES e CNPq) EDITAIS ABERTOS Graduação

Programa Especial de Mobilidade Internacional Governo Federal (CAPES e CNPq) EDITAIS ABERTOS Graduação Programa Especial de Mobilidade Internacional Governo Federal (CAPES e CNPq) EDITAIS ABERTOS Graduação Chamada CsF Nº 121/2012 http://www.cienciasemfronteiras.gov.br/web/csf/coreia -do-sul1 KFPP: Korea

Leia mais

Aplicações Informáticas de Gestão

Aplicações Informáticas de Gestão 1. Denominação do curso de especialização tecnológica: Aplicações Informáticas de Gestão 2. Perfil profissional que visa preparar: Técnico (a) Especialista em Aplicações Informáticas de Gestão É o profissional

Leia mais

SEC~ETÁRJO DE ESTADO DO ENSIIIIO SUPERIOR

SEC~ETÁRJO DE ESTADO DO ENSIIIIO SUPERIOR 03/06 2014 15:32 FAX 351 217928369 CCISP/ADISPOR 141001 'GOVERNO DE PORTUGAl SEC~ETÁRJO DE ESTADO DO ENSIIIIO SUPERIOR ~~;tf 2]. os- 2014 f' r-ro ti" e-~ Exmo. Senhor Presidente do Conselho Coordenador

Leia mais

INTERCÂMBIO DE ESTUDANTES AO ABRIGO DE ACORDOS DE COOPERAÇÃO. Candidaturas para o Ano Académico 2009/2010

INTERCÂMBIO DE ESTUDANTES AO ABRIGO DE ACORDOS DE COOPERAÇÃO. Candidaturas para o Ano Académico 2009/2010 INTERCÂMBIO DE ESTUDANTES AO ABRIGO DE ACORDOS DE COOPERAÇÃO Candidaturas para o Ano Académico 2009/2010 Serviço de Cooperação com os Países Lusófonos e Latino-Americanos SCPLLA Endereço Reitoria da Universidade

Leia mais

ESCOLA DAS ARTES PROGRAMA ERASMUS ESTÁGIO REGULAMENTO

ESCOLA DAS ARTES PROGRAMA ERASMUS ESTÁGIO REGULAMENTO ESCOLA DAS ARTES PROGRAMA ERASMUS ESTÁGIO REGULAMENTO CAPÍTULO I Disposições Gerais Artigo 1º (Objeto) O presente regulamento rege a mobilidade internacional para estágio dos estudantes de Licenciatura

Leia mais

Direcção do Registo Académico

Direcção do Registo Académico Direcção do Registo Académico EDITAL DE MATRÍCULAS E INSCRIÇÕES PARA OS INGRESSOS DO ANO LECTIVO DE 2015 1. INTRODUÇÃO 1.1. A Direcção do Registo Académico (DRA) da Universidade Eduardo Mondlane (UEM),

Leia mais

design de jogos digitais o essencial da licenciatura

design de jogos digitais o essencial da licenciatura design de jogos digitais o essencial da licenciatura ÍNDICE ciclo de estudos plano de estudos metodologias de ensino perfil de saída candidaturas ipb virtual Dados do ciclo de estudos ciclo de estudos

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DE CANDIDATOS AO PROGRAMA GRADUAÇÃO SANDUÍCHE NO ÂMBITO DO PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS - CNPq

EDITAL DE SELEÇÃO DE CANDIDATOS AO PROGRAMA GRADUAÇÃO SANDUÍCHE NO ÂMBITO DO PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS - CNPq EDITAL DE SELEÇÃO DE CANDIDATOS AO PROGRAMA GRADUAÇÃO SANDUÍCHE NO ÂMBITO DO PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS - CNPq A Pró-Reitoria de Graduação da Universidade Católica de Brasília (UCB) faz saber que

Leia mais

Plano de Estudos do Mestrado em Ensino de Português e de Línguas Clássicas no 3º Ciclo do Ensino Básico e no Ensino Secundário

Plano de Estudos do Mestrado em Ensino de Português e de Línguas Clássicas no 3º Ciclo do Ensino Básico e no Ensino Secundário Ano letivo de 2013-2014 Curso: 2º Ciclo em Ensino de Português e de Línguas Clássicas ou de Português e de Espanhol/Alemão/Francês no 3º Ciclo do Básico e no. Coordenador: Objetivos e estrutura curricular

Leia mais

PRESIDÊNCIA DO GOVERNO Resolução do Conselho do Governo n.º 14/2015 de 23 de Janeiro de 2015

PRESIDÊNCIA DO GOVERNO Resolução do Conselho do Governo n.º 14/2015 de 23 de Janeiro de 2015 PRESIDÊNCIA DO GOVERNO Resolução do Conselho do Governo n.º 14/2015 de 23 de Janeiro de 2015 Considerando os objetivos do Governo dos Açores em promover, na Região, um conhecimento especializado de temáticas

Leia mais

UNIVERSIDADE NOVA. Proposta de Reestruturação da Arquitetura Acadêmica da Educação Superior no Brasil

UNIVERSIDADE NOVA. Proposta de Reestruturação da Arquitetura Acadêmica da Educação Superior no Brasil UNIVERSIDADE NOVA Proposta de Reestruturação da Arquitetura Acadêmica da Educação Superior no Brasil Proposta Universidade Nova: implantação do Bacharelado Interdisciplinar (BI) ajuste da estrutura curricular

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO

ESTADO DE SANTA CATARINA SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO ESTADO DE SANTA CATARINA SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO EDITAL Nº 24/ 2015/ SED O SECRETÁRIO DE ESTADO DA EDUCAÇÃO, no uso de suas atribuições legais e considerando o disposto no artigo 3º da Lei nº

Leia mais

Deliberação n.º 762/2003

Deliberação n.º 762/2003 Deliberação n.º 762/2003 de 27 de Maio Deliberação n.º 763/2003. - Por deliberação da Secção Permanente do Senado, em reunião de 5 de Fevereiro de 2003, foi aprovada a criação do curso de Mestrado em Ciências

Leia mais

CHAMADAS FEVEREIRO DE 2015 Países em destaque:

CHAMADAS FEVEREIRO DE 2015 Países em destaque: CHAMADAS FEVEREIRO DE 2015 Países em destaque: UNIVERSIDADE FEDERAL DO CARIRI Av. Tenente Raimundo Rocha, S/N, Cidade Universitária Juazeiro do Norte CE DIRETORIA DE COOPERAÇÃO INTERNACIONAL DCI Sala 45,

Leia mais

UM PROJECTO EDUCATIVO A PENSAR EM SI

UM PROJECTO EDUCATIVO A PENSAR EM SI UM PROJECTO EDUCATIVO A PENSAR EM SI ESLA Cursos Científico Humanísticos Alunos que, tendo concluído o 9º ano de escolaridade pretendam prosseguimento de estudos para o ensino superior. 3 anos lectivos

Leia mais

- Cursos oferecidos: Agrárias: Agronomia Montes Claros Aquicultura Ciência de alimentos Medicina Veterinária Zootecnia Montes Claros

- Cursos oferecidos: Agrárias: Agronomia Montes Claros Aquicultura Ciência de alimentos Medicina Veterinária Zootecnia Montes Claros -Conceito no MEC: Pelo terceiro ano consecutivo, a UFMG obteve conceito máximo (5) no Índice Geral de Cursos da Instituição (IGC), que mede a qualidade das universidades brasileiras, considerando os cursos

Leia mais

PROGRAMA CONJUNTO DE B O L S A S DE D O U T O R A D O na República Federal da Alemanha 2007/2008 DAAD - CAPES CNPq

PROGRAMA CONJUNTO DE B O L S A S DE D O U T O R A D O na República Federal da Alemanha 2007/2008 DAAD - CAPES CNPq 1 PROGRAMA CONJUNTO DE B O L S A S DE D O U T O R A D O na República Federal da Alemanha 2007/2008 DAAD - CAPES CNPq I. DEFINIÇÃO E OBJETIVO As bolsas do programa conjunto de doutorado na Alemanha são

Leia mais

Guia de Fellowship Português

Guia de Fellowship Português Guia de Fellowship Português 1 DESCRIÇÃO DO PROGRAMA Página 3 2 CARACTERÍSTICAS DO PROGRAMA Página 4 3 CONDIÇÕES Página 7 4 PROCESSO DE INSCRIÇÃO, SELEÇÃO E CERTIFICAÇÃO Página 8 5 APOIO FINANCEIRO Página

Leia mais

da Universidade Católica Portuguesa

da Universidade Católica Portuguesa Escola do Porto da Faculdade de Direito da Universidade Católica Portuguesa MOBILIDADE INTERNACIONAL PARA ESTUDOS REGULAMENTO Aprovado no Conselho Científico de 2 de julho de 2014 CAPÍTULO I Disposições

Leia mais

REGULAMENTO CURSOS TÉCNICOS SUPERIORES PROFISSIONAIS DO INSTITUTO SUPERIOR DE CIÊNCIAS DA INFORMAÇÃO E DA ADMINISTRAÇÃO (ISCIA) Disposições Gerais

REGULAMENTO CURSOS TÉCNICOS SUPERIORES PROFISSIONAIS DO INSTITUTO SUPERIOR DE CIÊNCIAS DA INFORMAÇÃO E DA ADMINISTRAÇÃO (ISCIA) Disposições Gerais REGULAMENTO CURSOS TÉCNICOS SUPERIORES PROFISSIONAIS DO INSTITUTO SUPERIOR DE CIÊNCIAS DA INFORMAÇÃO E DA ADMINISTRAÇÃO (ISCIA) Disposições Gerais O presente regulamento visa aplicar o regime estabelecido

Leia mais

M odos de Formação e M odelos Curriculares na Educação Superior

M odos de Formação e M odelos Curriculares na Educação Superior M odos de Formação e M odelos Curriculares na Educação Superior Naomar de Almeida Filho Universidade Federal da Bahia Funções da Universidade: Modelo Argentino (residual mediterrâneo) Ciclo Básico

Leia mais

CHAMADA DE SELEÇÃO INTERNA DE INTERCÂMBIO PARA ALUNOS, PROFESSORES E SERVIDORES DA UEA PELO PROGRAMA ERAMUS EBW+ INSTRUÇÕES GERAIS

CHAMADA DE SELEÇÃO INTERNA DE INTERCÂMBIO PARA ALUNOS, PROFESSORES E SERVIDORES DA UEA PELO PROGRAMA ERAMUS EBW+ INSTRUÇÕES GERAIS Processo de Seleção para estudantes, diplomados e professores da área de educação e tecnologia estudarem em universidades estrangeiras dos países: Espanha, França, Itália, Letônia, Malta, Portugal e Suécia.

Leia mais

6 - Prazo de duração do contrato será o período compreendido entre a data de assinatura do contrato e o termo do ano escolar.

6 - Prazo de duração do contrato será o período compreendido entre a data de assinatura do contrato e o termo do ano escolar. AVISO n.º 3/2015-16 Contratação por tempo determinado, na modalidade de contrato de trabalho a termo resolutivo certo, a tempo parcial, para as atividades de enriquecimento curricular (AEC) 1. Nos termos

Leia mais

CURSOS E EXAMES DE ALEMÃO

CURSOS E EXAMES DE ALEMÃO CURSOS E EXAMES DE ALEMÃO Outubro 2014 Fevereiro 2015 Goethe-Institut Lisboa Sprache. Kultur. Deutschland. CURSOS GERAIS DE ALEMÃO Para Adultos e Jovens (a partir dos 14 anos) Aprenda alemão com profissionais:

Leia mais

APRENDER ALEMÃO EM PORTUGAL

APRENDER ALEMÃO EM PORTUGAL Goethe-Institut Portugal Goethe-Institut Portugal em Lisboa Campo dos Mártires da Pátria, 37 1169-016 Lisboa Tel.: 218 824 510 Fax: 218 850 003 cursos@lissabon.goethe.org Goethe-Institut Portugal no Porto

Leia mais

BOLETIM INFORMATIVO Nº 08 SETEMBRO/2011 Escritório de Assuntos Internacionais Universidade Federal da Grande Dourados

BOLETIM INFORMATIVO Nº 08 SETEMBRO/2011 Escritório de Assuntos Internacionais Universidade Federal da Grande Dourados Prezados leitores, A nona edição/2011 do Boletim Informativo do ESAI/UFGD destaca o programa do Governo Federal e CNPQ para alunos de graduação, Ciência sem Fronteira, assim como as oportunidades de bolsas

Leia mais

APRESENTAMOS FOLHETO INTERNACIONAL 2016-2017 FOLHETO INTERNACIONAL 1

APRESENTAMOS FOLHETO INTERNACIONAL 2016-2017 FOLHETO INTERNACIONAL 1 APRESENTAMOS FOLHETO INTERNACIONAL 2016-2017 FOLHETO INTERNACIONAL 1 APRESENTAMOS O INSTITUTO DE NEGÓCIOS E TECNOLOGIA DE MANITOBA O CAMINHO SEGURO PARA O SEU SUCESSO PROFISSIONAL 2 FOLHETO INTERNACIONAL

Leia mais

Estudar Ciência, Engenharia e Management na França

Estudar Ciência, Engenharia e Management na França Estudar Ciência, Engenharia e Management na França 0 PORQUE A MOBILIDADE INTERNACIONAL? Desenvolver a abertura internacional Em primeiro uma atitude: ela se concretisa por uma disposição e uma capacidade

Leia mais

11,00 classificações obtidas 1.4 De conclusão de curso do curso de especialização tecnológica

11,00 classificações obtidas 1.4 De conclusão de curso do curso de especialização tecnológica TABELA DE EMOLUMENTOS DO IPL 1 1 Certidões: Euros 1.1 Certidão do registo de graus e diplomas de ensino superior (licenciatura; mestrado; diploma de estudos superiores de curta duração; 15,00 conclusão

Leia mais

REGULAMENTO. Programa de Bolsas de Estágio Santander Universidades. Introdução

REGULAMENTO. Programa de Bolsas de Estágio Santander Universidades. Introdução REGULAMENTO Programa de Bolsas de Estágio Santander Universidades Introdução O Banco Santander Totta, S.A., em parceria com as Instituições de Ensino Superior aderentes (doravante «IES»), e através da

Leia mais

da Universidade Católica Portuguesa PROGRAMA ERASMUS ESTÁGIO REGULAMENTO

da Universidade Católica Portuguesa PROGRAMA ERASMUS ESTÁGIO REGULAMENTO Escola do Porto da Faculdade de Direito da Universidade Católica Portuguesa PROGRAMA ERASMUS ESTÁGIO REGULAMENTO CAPÍTULO I Disposições Gerais Artigo 1º (Objeto) O presente regulamento rege a mobilidade

Leia mais

Programa de Licenciaturas Internacionais CAPES/ Universidade de Lisboa

Programa de Licenciaturas Internacionais CAPES/ Universidade de Lisboa Programa de Licenciaturas Internacionais / (23 Dezembro de 2011) 1. Introdução 2. Objectivos 3. Organização e procedimentos 4. Regime de Titulação do Programa de Licenciaturas Internacionais /UL 5. Regime

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO E PESQUISA RESOLUÇÃO N.º 3.046, DE 22 DE MAIO DE 2003.

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO E PESQUISA RESOLUÇÃO N.º 3.046, DE 22 DE MAIO DE 2003. SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO E PESQUISA RESOLUÇÃO N.º 3.046, DE 22 DE MAIO DE 2003. Revoga a Resolução N.º 2.888/CONSEP, estabelece diretrizes e dispõe

Leia mais

RETIFICAÇÃO -EDITAL 05/2012 EDITAL MOBILIDADE PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS

RETIFICAÇÃO -EDITAL 05/2012 EDITAL MOBILIDADE PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS RETIFICAÇÃO -EDITAL 05/2012 EDITAL MOBILIDADE PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS O Reitor da Universidade Estadual de Feira de Santana, Prof. José Carlos Barreto de Santana, no uso de suas atribuições, torna

Leia mais

Estadia: Onde vou morar?

Estadia: Onde vou morar? Estude em Alberta Perguntas frequentes Observação: Esta seção de "Perguntas frequentes" reflete a prática comum em Alberta, no entanto, depois de decidir onde quer estudar, contate o distrito escolar correspondente

Leia mais

EDITAL CONCURSO DE ACESSO AO CURSO TÉCNICO SUPERIOR PROFISSIONAL. Ano letivo de 2015/2016

EDITAL CONCURSO DE ACESSO AO CURSO TÉCNICO SUPERIOR PROFISSIONAL. Ano letivo de 2015/2016 EDITAL CONCURSO DE ACESSO AO CURSO TÉCNICO SUPERIOR PROFISSIONAL Ano letivo de 2015/2016 João Baptista da Costa Carvalho, Presidente do Instituto Politécnico do Cávado e do Ave (IPCA), torna público a

Leia mais

EDITAL 2013. O Programa PEC-PG 2013 é só para estudos de doutorado, ou se eu posso me apresentar para mestrado?

EDITAL 2013. O Programa PEC-PG 2013 é só para estudos de doutorado, ou se eu posso me apresentar para mestrado? PROGRAMA DE ESTUDANTES -CONVÊNIO DE PÓS-GRADUAÇÃO PEC-PG EDITAL 2013 O que é um FAQ? FAQ é um acrónimo da expressão inglesa Frequently Asked Questions, que significa Perguntas Frequentes. Uma FAQ, quando

Leia mais

Notícias da França Especial Bolsas. Fevereiro 2010. Bolsas Master Ile-de-France 2010

Notícias da França Especial Bolsas. Fevereiro 2010. Bolsas Master Ile-de-France 2010 Notícias da França Especial Bolsas Fevereiro 2010 Bolsas Master Ile-de-France 2010 Estão abertas as inscrições para as bolsas Master Ile-de-France 2010 As bolsas consistem em uma ajuda anual de 10.500

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DE CANDIDATOS AO PROGRAMA GRADUAÇÃO SANDUÍCHE NO ÂMBITO DO PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS - CNPq

EDITAL DE SELEÇÃO DE CANDIDATOS AO PROGRAMA GRADUAÇÃO SANDUÍCHE NO ÂMBITO DO PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS - CNPq EDITAL DE SELEÇÃO DE CANDIDATOS AO PROGRAMA GRADUAÇÃO SANDUÍCHE NO ÂMBITO DO PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS - CNPq A Pró-Reitoria de Graduação da Universidade Católica de Brasília (UCB) faz saber que

Leia mais

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS GRADUAÇÃO SANDUÍCHE NA ALEMANHA CHAMADA PÚBLICA PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS/DAAD Nº 103/2011

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS GRADUAÇÃO SANDUÍCHE NA ALEMANHA CHAMADA PÚBLICA PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS/DAAD Nº 103/2011 PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS GRADUAÇÃO SANDUÍCHE NA ALEMANHA CHAMADA PÚBLICA PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS/DAAD Nº 103/2011 O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação MCTI, o Ministério da Educação

Leia mais

1ª CHAMADA PÚBLICA PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS (CsF) PROCESSO SELETIVO INTERNO DO CsF RESOLUÇÃO 04/2013

1ª CHAMADA PÚBLICA PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS (CsF) PROCESSO SELETIVO INTERNO DO CsF RESOLUÇÃO 04/2013 1ª CHAMADA PÚBLICA PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS (CsF) PROCESSO SELETIVO INTERNO DO CsF RESOLUÇÃO 04/2013 Ciência sem Fronteiras é um programa do Governo Federal que busca promover a consolidação, expansão

Leia mais

Programa Especial de Mobilidade Internacional Governo Federal (CAPES e CNPq) Bolsas para capacitação no exterior

Programa Especial de Mobilidade Internacional Governo Federal (CAPES e CNPq) Bolsas para capacitação no exterior Programa Especial de Mobilidade Internacional Governo Federal (CAPES e CNPq) Bolsas para capacitação no exterior Início do Programa: 75 mil bolsas (2011-2015) Graduação-Sanduíche 27.100 Doutorado Sanduíche

Leia mais

Entendendo a organização do sistema acadêmico brasileiro

Entendendo a organização do sistema acadêmico brasileiro Entendendo a organização do sistema acadêmico brasileiro Não é todo estudante que entende bem a organização do sistema educacional brasileiro e seus níveis de ensino. Nem todos sabem, por exemplo, a diferença

Leia mais

CHAMADA DE SELEÇÃO INTERNA PARA ALUNOS DA UEA REFERENTE A GRADUAÇÃO SANDUICHE NA ALEMANHA. Chamada pública Programa Ciência sem Fronteiras n.

CHAMADA DE SELEÇÃO INTERNA PARA ALUNOS DA UEA REFERENTE A GRADUAÇÃO SANDUICHE NA ALEMANHA. Chamada pública Programa Ciência sem Fronteiras n. CHAMADA DE SELEÇÃO INTERNA PARA ALUNOS DA UEA REFERENTE A GRADUAÇÃO SANDUICHE NA ALEMANHA Chamada pública Programa Ciência sem Fronteiras n. 118/2012 O QUE É GESTOR Processo de seleção de candidatos de

Leia mais

Juliana Kumbartzki Ferreira csf@contato.ufsc.br www.sinter.ufsc.br Telefone: 3721-8739

Juliana Kumbartzki Ferreira csf@contato.ufsc.br www.sinter.ufsc.br Telefone: 3721-8739 Juliana Kumbartzki Ferreira csf@contato.ufsc.br www.sinter.ufsc.br Telefone: 3721-8739 Ciência sem Fronteiras é um programa que busca promover a consolidação, expansão e internacionalização da ciência

Leia mais

CURSOS E EXAMES DE ALEMÃO

CURSOS E EXAMES DE ALEMÃO CURSOS E EXAMES DE ALEMÃO Outubro 2015 Fevereiro 2016 Goethe-Institut Lisboa Sprache. Kultur. Deutschland. Cursos de alemão Aprenda alemão com profissionais: O Goethe-Institut em Lisboa oferece uma vasta

Leia mais

CURRICULUM VITÆ JOÃO CARLOS ALBUQUERQUE AMARAL E ALMEIDA. Nasceu em Mangualde, distrito de Viseu, a 3 de Setembro de 1964.

CURRICULUM VITÆ JOÃO CARLOS ALBUQUERQUE AMARAL E ALMEIDA. Nasceu em Mangualde, distrito de Viseu, a 3 de Setembro de 1964. CURRICULUM VITÆ JOÃO CARLOS ALBUQUERQUE AMARAL E ALMEIDA DADOS PESSOAIS: Nasceu em Mangualde, distrito de Viseu, a 3 de Setembro de 1964. Estado civil: solteiro. Trabalha em Lisboa, com escritório na Rua

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO DOS MESTRADOS EM ENSINO - FORMAÇÃO DE PROFESSORES

REGULAMENTO INTERNO DOS MESTRADOS EM ENSINO - FORMAÇÃO DE PROFESSORES REGULAMENTO INTERNO DOS MESTRADOS EM ENSINO - FORMAÇÃO DE PROFESSORES Artigo 1º Âmbito O Regulamento interno dos mestrados em ensino formação inicial de professores aplica-se aos seguintes ciclos de estudo

Leia mais

O ENSINO DE ENGENHARIA NA EUROPA 1

O ENSINO DE ENGENHARIA NA EUROPA 1 O ENSINO DE ENGENHARIA NA EUROPA 1 Paulo César da Costa Pinheiro Departamento de Engenharia Mecânica da UFMG Av. Antônio Carlos 6627 31270-901 Belo Horizonte, MG DIPLOMAS OBTIDOS NAS ESCOLA DE ENGENHARIA

Leia mais

CURSOS DE PROGRESSÃO LINEAR (C P L)

CURSOS DE PROGRESSÃO LINEAR (C P L) CURSOS DE PROGRESSÃO LINEAR (C P L) (VESTIBULAR EM DUAS FASES) São aqueles tradicionalmente oferecidos pela UFBA, acrescidos de 26 novas opções de curso, das quais 18 no noturno, nas modalidades Licenciatura,

Leia mais

AVISO CONCURSO PARA BOLSA DE GESTÃO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA

AVISO CONCURSO PARA BOLSA DE GESTÃO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA AVISO CONCURSO PARA BOLSA DE GESTÃO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA Encontra-se aberto concurso para atribuição de uma bolsa de gestão de ciência e tecnologia no âmbito do CIDEEFF Centro de Investigação em Direito

Leia mais

EDITAL PARA INGRESSO NO PROGRAMA DE PÓS- GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA SEMESTRE 2016/1

EDITAL PARA INGRESSO NO PROGRAMA DE PÓS- GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA SEMESTRE 2016/1 Admissão EDITAL PARA INGRESSO NO PROGRAMA DE PÓS- GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA SEMESTRE 2016/1 A admissão no PPGEQ da UFRGS é feita em duas etapas: inscrição e seleção. 1 INSCRIÇÃO As inscrições para

Leia mais

SERVIÇO SOCIAL DA INDÚSTRIA SESI/SP PROCESSO SELETIVO 001 / 2015 PROFESSORES DIVISÃO DE EDUCAÇÃO E CULTURA SESI/SP

SERVIÇO SOCIAL DA INDÚSTRIA SESI/SP PROCESSO SELETIVO 001 / 2015 PROFESSORES DIVISÃO DE EDUCAÇÃO E CULTURA SESI/SP SERVIÇO SOCIAL DA INDÚSTRIA SESI/SP PROCESSO SELETIVO 001 / 2015 PROFESSORES DIVISÃO DE EDUCAÇÃO E CULTURA SESI/SP O Serviço Social da Indústria SESI/SP, por meio do INSTITUTO DE GESTÃO E DESENVOLVIMENTO

Leia mais

Ciência sem Fronteiras e a UFPE

Ciência sem Fronteiras e a UFPE Ciência sem Fronteiras e a UFPE Reunião com os Coordenadores de Graduação Diretoria de Cooperação Internacional Recife 17 de abril de 2012 Mobilidade estudantil internacional UFPE: alunos de graduação

Leia mais

DOS REQUISITOS PARA O CANDIDATO

DOS REQUISITOS PARA O CANDIDATO DOS REQUISITOS PARA O CANDIDATO 1 Candidatura Mediante Adesão da IES: O candidato que será selecionado e indicado por IES deverá obrigatoriamente preencher os requisitos: I. Estar regularmente matriculado

Leia mais

Instituto Superior de Ciências da Saúde - Norte

Instituto Superior de Ciências da Saúde - Norte Regulamento do concurso de acesso aos cursos ministrados pelos estabelecimentos de ensino da Cooperativa de Ensino Superior, Politécnico e Universitário, CRL. C.E.S.P.U. Instituto Superior de Ciências

Leia mais

Assunto: Candidatura a eventual vaga no Aldeamento Pedras del Rei

Assunto: Candidatura a eventual vaga no Aldeamento Pedras del Rei Assunto: Candidatura a eventual vaga no Aldeamento Pedras del Rei Tavira, 17 de Julho de 2012 Exmo/a Sr/a do Departamento de Recursos Humanos Acabo de me Licenciar no curso de Gestão, na Escola Superior

Leia mais