A -- Como líder de projecto, dirigiu as equipes de preparaçao de 8 projectos de saúde em diferentes países da América Latina e da África:

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "A -- Como líder de projecto, dirigiu as equipes de preparaçao de 8 projectos de saúde em diferentes países da América Latina e da África:"

Transcrição

1 ANEXO - Projectos A -- Como líder de projecto, dirigiu as equipes de preparaçao de 8 projectos de saúde em diferentes países da América Latina e da África: Brasil: NE Endemic Disease Control, supervisão e relatório de avaliação final, Brasil: Amazon Malaria Control, supervisão e relatório de avaliação final, Peru: FONCODES Social Development Fund, preparação e supervisão, Argentina: Provincial Health Sector Reform, supervisão, Brasil: REFORSUS Health Sector Reform, preparação e supervisão Argentina: Aids and Sexually Transmitted Disease Control Project, preparação e supervisão South África: Hospital Reform Project, preparação, 2000 Uganda: HIV AIDS Control Project, preparação B -- Como especialista de saúde participou na prearação ou supervisão de 12 projetos de saúde em diferentes países da América Latina: Brasil: NE Basic Health Services 2, supervisão, Venezuela: Social Development Project, supervisão, 1991 Venezuela: Endemic Disease Control Project, supervisão, 1993 Chile: Health Sector Development, supervisão, 1993 Brasil: AIDS Control, preparação e supervisão, 1994 Uruguay: Health Sector Development, 1995 Argentina: Health Insurance Technical Assistance, supervisão, Argentina: Provincial Health Sector Development, supervisão, Argentina: Maternal and Child Health and Nutrition 2, supervisão, Brasil: Disease Surveillance VIGISUS, preparação, Argentina: Public Health Surveillance and Disease Control Project, preparação Argentina: Provincial Reform Loans, Catamarca, Córdoba, Santa Fé, San Juan, 2000.

2 C -- Como Gerente Sectorial da Unidade de Desenvolvimento Humano para a África Ocidental coordenou a preparação técnica de 33 créditos AID, nas áreas da educação, saúde e proteção social, num total de cerca de 900 milhões de dólares americanos: Gambia: HIV/AIDS Rapid Response Burkina Faso: HIV/AIDS Disaster Response Mauritania: Education Sector Development APL Mauritania: GDLC Other: Basic Education Sector Project Benin: HIV/AIDS Multi-sector APL Senegal: HIV/AIDS Prevention and Control APL Cabo Verde: HIV/AIDS APL Sierra Leone: HIV/AIDS Response Senegal: Nutrition Enhancement Program Burkina Faso: Development Learning Center Ghana: Health Sector Program Sierra Leone: Health Sector Reconstruction and Development Sierra Leone: Basic Education Rehabilitation Niger: Multi-sector STI/HIV/AIDS 2 Sierra Leone: National Social Action Mauritania: Multi-sector HIV/AIDS Control Niger: Basic Education SIL Cabo Verde: Social Sector Development Supl. SIL Ghana: Education Sector SIL Mali: Development Learning Center LIL São Tomé: Social Sector Support Guinea-Bissau: HIV AIDS Global Mitigation Support Mauritania: Higher Education

3 Benin: National Community Driven Development SIL Guiné-Bissau: National Health Development Program, suppl Burkina Faso: HIV/AIDS Disaster Response, suppl Ghana: Multi-sector HIV/AIDS Niger: Institutional Strengthening and Health Sector Program Burkina Faso: Health Sector Support and AIDS Project D -- Como Gerente da Carteira e das Operações do BM no Brasil, contratou e assegurou a preparação de 55 empréstimos e doações, no valor de cerca de 8 mil milhões de dólares americanos, cobrindo todas os sectores do Banco Mundial, tais como redução da pobreza, gestão económica, desenvolvimento humano (saúde, educação e proteção social) e desenvolvimento sustentável (infraestrutura e meio ambiente). Assegurou também a boa execução de um carteira de cerca de 50 projetos ativos, no valor de cerca de 12 mil milhões de dólares americanos. Os novos projetos foram: Brazil: Strengthening Monitoring and Evaluation Brazil GTA Institutional Development Brazil: COIAB Institutional Development Brazil: GEF Catinga Conservation and Sustainable Management Brazil: Rio Grande do Norte State Integrated Water Resource Management Brazil: Additional Financing to the Rio Grande do Norte Rural Poverty Reduction Brazil: Amazon Cartographic Base Brazil: Municipal APL Recife Brazil: GEF National Biodiversity Mainstreaming Brazil: Rio Grande do Sul Integrated Municipal Development Pelotas Brazil: Alto Solimões Basic Services Brazil: Rio de Janeiro Mass Transit Brazil: Capacity Building for Monitoring and Evaluation at PMSP Brazil: Enhancement of Operational Capacity of Controller Brazil: Muncipal APL 3 Teresina

4 Brazil: Family Health Extension 2 Brazil: São Paulo Metro Line 4 Brazil: Second Minas Gerais Development Partnership Brazil: São Paulo Trains and Signalling Brazil: Municipal APL4 São Luis Brazil: Rio Grande do Sul Fiscal Sustainability Brazil: Rio Grande do Sul Bage Integrated Municipal Develoment Brazil: Rio Grande do Sul Uruguaiana Integrated Municipal Development Brazil: RMA Capacity Building and Institutional Development Brazil: Ceara Inclusive Growth Brazil: Sergipe State Integrated Project, rural poverty Brazil: GEF Espírito Santo Biodiversity Brazil: Paraíba 2nd Rural Poverty Reduction Brazil: Nova Gerar DCM SWM Brazil: MST Acre Social Economic Inclusion Brazil: Ceara Integrated Water Resource Management Brazil: Rio Grande do Sul Santa Maria Integrated Municipal Development Brazil: Heath Network Formation and Quality Improvement Brazil: Ceara Regional Development Brazil: Espírito Santo Water and Coastal Pollution Brazil: Ministério Público in Minas Gerais Brazil: 1st Program DPL for Sustainable Environment Management Brazil: Strengthening Brazil Sub-national Audit Brazil: Pernambuco Education Results and Accountability Brazil: Federal District Multi-sector Management Brazil: APL São Paulo Integrated Water Management

5 Brazil: São Paulo Feeder Roads Brazil: Bahia State Integrated Poverty and Rural Brazil: Rio Grande do Sul Integrated Municipal Development Brazil: Rio de Janeiro Mass Transit II Brazil: 2nd National Environmental Brazil: Rio de Janeiro Sustainable Rural Development Brazil: Municipal APL Santos Brazil: GEF Rio Grande do Sul Biodiversity Brazil: GEF Sustainable Transport and Air Quality Brazil Alagoas Fiscal and Public Management Reform Brazil: Pernambuco Sustainable Water Brazil: Rio State DPL Brazil: GEF Sustainable Cerrado Initiative Brazil: Strengthening Tribunal de Contas da União Financial Audits E -- Como Enviado Especial / Director, dirigiu a estratégia e a preparação de 15 doações para o financiamento dos projetos emergenciais de reconstrução e desenvolvimento económico, após o terramoto de Janeiro de 2010, no valor de cerca de 500 milhões de dólares americanos, como indicados abaixo. Haiti: Post-disaster Partial Credit Guarantee Project, 2010 Haiti: Education for All 1, Additional Financing, Haiti: Education for All Catalytic Fund, Haiti: Education for All 2, Haiti: Cholera Emergency Response Project, Haiti: Urban Community Driven Development, Additional Financing, Haiti: Neighborhood Housing Reconstruction Project, Haiti: Disaster Risk Management, Haiti: Re-launching of Agriculture 2, 2011.

6 Haiti: Rebuilding Energy Infrastructure and Access, Haiti: Business Development and Investment Project, Haiti: Economic Reconstruction and Growth Grant, Haiti: Improving Maternal and Child Health Project, 2013 Haiti: Heritage and Sustainable Tourism in Northern Haiti, 2013 Haiti: Center and Artibonite Regional Development and Growth Pole, 2013

Salud Brasil SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE

Salud Brasil SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE Salud Brasil SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE IV EXPOEPI International Perspectives on Air Quality: Risk Management Principles for Oficina de Trabalho: Os Desafios e Perspectivas da Vigilância Ambiental

Leia mais

CIRCLE-2 ERA-Net Adaptação às Alterações Climáticas

CIRCLE-2 ERA-Net Adaptação às Alterações Climáticas CIRCLE-2 ERA-Net Adaptação às Alterações Climáticas Tiago Capela Lourenço SIM/CCIAM - Faculdade Ciências - Universidade Lisboa Oportunidades de Financiamento no 7ºPQ para Alterações Climáticas (Espaço,

Leia mais

GIS in Disaster Risk Management in Mozambique

GIS in Disaster Risk Management in Mozambique GIS in Disaster Risk Management in Mozambique 1 Contents 1. Disasters in Mozambique 2. Role of GIS 3. Some Examples 4. CIG Profile 2 1. Disasters in Mozambique Frequent disasters are: Droughts Floods (+

Leia mais

Interconexão de Redes Acadêmicas entre Europa e América Latina Resumo de Situação

Interconexão de Redes Acadêmicas entre Europa e América Latina Resumo de Situação Interconexão de Redes Acadêmicas entre Europa e América Latina Resumo de Situação Nelson Simões Maio de 2004 Resumo de situação da participação da RNP no início do Projeto ALICE America Latina Interconectada

Leia mais

Local & Regional Development. Expanding the positive impacts of mining projects

Local & Regional Development. Expanding the positive impacts of mining projects Local & Regional Development Expanding the positive impacts of mining projects Defining local and regional development Factors: Economic Social Specific to communities Need for ongoing consultations Link

Leia mais

FLUXO ATIVIDADES FINANCEIRAS, DE SEGUROS E SERVIÇOS RELACIONADOS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009

FLUXO ATIVIDADES FINANCEIRAS, DE SEGUROS E SERVIÇOS RELACIONADOS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 FLUXO ATIVIDADES FINANCEIRAS, DE SEGUROS E RELACIONADOS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA

Leia mais

Evolução da ajuda prestada pelo Banco Africano de Desenvolvimento e pelo Banco Mundial aos PALOP Ano 2000 a 2007

Evolução da ajuda prestada pelo Banco Africano de Desenvolvimento e pelo Banco Mundial aos PALOP Ano 2000 a 2007 Evolução da ajuda prestada pelo Banco Africano de Desenvolvimento e pelo Banco Mundial aos Ano 2000 a 2007 1/11 2/11 Banco Africano de Desenvolvimento O Banco africano de Desenvolvimento tem por objectivo

Leia mais

NÚMERO DE ACIDENTES POR DIA DA SEMANA

NÚMERO DE ACIDENTES POR DIA DA SEMANA RODOVIÁRIAS Quadro 13 - UF: ACRE Ano de 211 82 5 6 8 9 5 3 14 4 11 9 4 4 63 2 4 7 6 6 9 4 8 4 4 3 6 68 4 2 8 3 1 8 4 9 2 6 7 5 63 3 6 3 2 13 9 8 7 5 1 5 1 67 4 2 9 6 8 5 5 7 6 6 4 5 85 3 7 1 1 4 7 9 6

Leia mais

CREDITO SUPLEMENTAR E G R M I F FUNC PROGRAMATICA PROGRAMA/ACAO/SUBTITULO/PRODUTO S N P O U T VALOR F D D E 0083 PREVIDENCIA SOCIAL BASICA 48553400

CREDITO SUPLEMENTAR E G R M I F FUNC PROGRAMATICA PROGRAMA/ACAO/SUBTITULO/PRODUTO S N P O U T VALOR F D D E 0083 PREVIDENCIA SOCIAL BASICA 48553400 ORGAO : 33000 - MINISTERIO DA PREVIDENCIA SOCIAL UNIDADE : 33201 - INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL ANEXO CREDITO SUPLEMENTAR PROGRAMA DE TRABALHO (SUPLEMENTACAO) RECURSOS DE TODAS AS FONTES - R$ 1,

Leia mais

Mainstreaming Sustainable Tourism

Mainstreaming Sustainable Tourism 8. Se sim, quais os meios mais apropriados para tanto? Não aplicável Em estudo Em implementação Implementado Divulgação de informações sobre as práticas de sustentabilidade realizadas ou apoiadas pelo

Leia mais

FLUXO ATIVIDADES DOS SERVIÇOS DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009

FLUXO ATIVIDADES DOS SERVIÇOS DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 FLUXO ATIVIDADES DOS DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009

Leia mais

Currículo de Pedro Jucá Maciel

Currículo de Pedro Jucá Maciel Currículo de Pedro Jucá Maciel Possui graduação em Ciências Econômicas pela Universidade Federal de Pernambuco (2002), Mestrado (2005) e Doutorado (2009) em Economia pela Universidade de Brasília e Pós-

Leia mais

O novo ciclo 2014-2020 Inovação e fundos estruturais no sector da água

O novo ciclo 2014-2020 Inovação e fundos estruturais no sector da água O novo ciclo 2014-2020 Inovação e fundos estruturais no sector da água Porto, 9 de Fevereiro 2012 Paulo Areosa Feio Coordenador Calendário 5 th Report on Economic, Social and Territorial Cohesion & public

Leia mais

RANKING NACIONAL DO TRABALHO INFANTIL (5 a 17 ANOS) QUADRO COMPARATIVO DOS DADOS DA PNAD (2008 e 2009)

RANKING NACIONAL DO TRABALHO INFANTIL (5 a 17 ANOS) QUADRO COMPARATIVO DOS DADOS DA PNAD (2008 e 2009) NACIONAL DO TRABALHO INFANTIL (5 a 17 ANOS) QUADRO COMPARATIVO DOS DADOS DA PNAD (2008 e 2009) População Ocupada 5 a 17 anos 2008 Taxa de Ocupação 2008 Posição no Ranking 2008 População Ocupada 5 a 17

Leia mais

Organizing Committee. Comissão Organizadora. Organização Mundial da Saúde Governo Federal. World Health Organization Federal Government of Brazil

Organizing Committee. Comissão Organizadora. Organização Mundial da Saúde Governo Federal. World Health Organization Federal Government of Brazil Organizing Committee World Health Organization Federal Government of Brazil Civil House of the Presidency Ministry of Cities Ministry of Education Ministry of External Affairs Ministry of Health Ministry

Leia mais

FLUXO TRANSPORTE AQUAVIÁRIO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009

FLUXO TRANSPORTE AQUAVIÁRIO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009 FLUXO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009 Estados Norte 0 0,00 0 0 0 0,00 Rondônia

Leia mais

Tecnologia e inovação na UE Estrategias de internacionalização

Tecnologia e inovação na UE Estrategias de internacionalização Tecnologia e inovação na UE Estrategias de internacionalização Belém, 25 de Setembro 2014 Estrutura da apresentação 1. Porque a cooperação com a União Europeia em inovação é importante para o Brasil? 2.

Leia mais

COMPANHIA AMBIENTAL DO ESTADO DE SÃO PAULO RELATÓRIO DE VIAGEM

COMPANHIA AMBIENTAL DO ESTADO DE SÃO PAULO RELATÓRIO DE VIAGEM RELATÓRIO DE VIAGEM 1 PROCESSO / OFÍCIO N.º: 049/2015/324/E INTERESSADO (A): Cely Roledo INSTITUIÇÃO / ÁREA: CETESB Companhia Ambiental do Estado de São Paulo Divisão de Laboratório de Taubaté - EDT DESTINO/LOCAL:

Leia mais

FLUXO ATIVIDADES DE SEDES DE EMPRESAS E DE CONSULTORIA EM GESTÃO EMPRESARIAL POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO DO ESTADO DA PARAÍBA 2009

FLUXO ATIVIDADES DE SEDES DE EMPRESAS E DE CONSULTORIA EM GESTÃO EMPRESARIAL POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO DO ESTADO DA PARAÍBA 2009 FLUXO ATIVIDADES DE SEDES DE EMPRESAS E DE CONSULTORIA EM GESTÃO EMPRESARIAL POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO DO ESTADO DA PARAÍBA 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO ATIVIDADES DE SEDES DE EMPRESAS

Leia mais

FLUXO DE ATIVIDADES DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE INFORMAÇÃO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009

FLUXO DE ATIVIDADES DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE INFORMAÇÃO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 FLUXO DE ATIVIDADES DE PRESTAÇÃO DE DE INFORMAÇÃO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO DE, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA -

Leia mais

Grandes Regiões e Unidades da Federação: Esperança de vida ao nascer segundo projeção populacional: 1980, 1991-2030 - Ambos os sexos

Grandes Regiões e Unidades da Federação: Esperança de vida ao nascer segundo projeção populacional: 1980, 1991-2030 - Ambos os sexos e Unidades da Federação: Esperança de vida ao nascer segundo projeção populacional: 1980, 1991-2030 - Ambos os sexos Unidades da Federação 1980 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002

Leia mais

As propostas regulamentares

As propostas regulamentares Política de Coesão 2014-2020: 2020: As propostas regulamentares Évora, 12 de Dezembro 2011 Duarte Rodrigues Coordenador-Adjunto Sumário O calendário A proposta de envelope financeiro (Jun 2011) A proposta

Leia mais

THE BRAZILIAN PUBLIC MINISTRY AND THE DEFENSE OF THE AMAZONIAN ENVIRONMENT

THE BRAZILIAN PUBLIC MINISTRY AND THE DEFENSE OF THE AMAZONIAN ENVIRONMENT THE BRAZILIAN PUBLIC MINISTRY AND THE DEFENSE OF THE AMAZONIAN ENVIRONMENT Raimundo Moraes III Congresso da IUCN Bangkok, November 17-25 2004 ENVIRONMENTAL PROTECTION IN BRAZIL The Constitution states

Leia mais

FLUXO ATIVIDADES IMOBILIÁRIAS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009

FLUXO ATIVIDADES IMOBILIÁRIAS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 FLUXO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009 Estados Norte 7.938 0,37 0 0,00-7.938 0,37

Leia mais

e renda Superintendência Nacional Estratégia Competitividade das MPE Associação e a cooperação Micro e Pequeno Empreendedorismo

e renda Superintendência Nacional Estratégia Competitividade das MPE Associação e a cooperação Micro e Pequeno Empreendedorismo e renda Superintendência Nacional Estratégia Competitividade das MPE Micro e Pequeno Empreendedorismo e renda Superintendência Nacional Estratégia Competitividade das MPE Micro e Pequeno Empreendedorismo

Leia mais

Problemas ambientais urbanos

Problemas ambientais urbanos MEC, 4º ano, 2º sem, 2008-09 Desafios Ambientais e de Sustentabilidade em Engenharia Problemas ambientais urbanos 3ª aula Maria do Rosário Partidário CITIES ENVIRONMENT Inputs Outputs Energy Food Water

Leia mais

Challenges and lessons learned from the Surui Forest Carbon Project, Brazilian Amazon. Pedro Soares / IDESAM

Challenges and lessons learned from the Surui Forest Carbon Project, Brazilian Amazon. Pedro Soares / IDESAM Challenges and lessons learned from the Surui Forest Carbon Project, Brazilian Amazon Pedro Soares / IDESAM Project Proponent & Partners Proponent: Support and supervise the project activities and will

Leia mais

Banda Larga e TICs para sociedades inteligentes, inclusivas e sustentáveis. RIO+ 20 Leila Loria

Banda Larga e TICs para sociedades inteligentes, inclusivas e sustentáveis. RIO+ 20 Leila Loria Banda Larga e TICs para sociedades inteligentes, inclusivas e sustentáveis RIO+ 20 Leila Loria 19.06.2012 Há pelo menos 20 anos se discute o desenvolvimento sustentável e seus 3 pilares interdependentes

Leia mais

FACTS AND FIGURES. Students at UGent: 58

FACTS AND FIGURES. Students at UGent: 58 SESSION: BRAZIL 1 FACTS AND FIGURES Students at UGent: 58 Education projects: Erasmus Mundus Action 2 Universidade Estadual Paulista 'Júlio de Mesquita Filho' (UNESP) Universidade Federal de Santa Catarina

Leia mais

Criminalidade no Brasil

Criminalidade no Brasil Criminalidade no Brasil Instituto Avante Brasil Diretor- Presidente: Luiz Flávio Gomes Coordenação e elaboração de pesquisa: Flávia Mestriner Botelho De acordo com um levantamento realizado pelo Instituto

Leia mais

Advances in Biosecurity and Biosafety in Latin American Countries: Perspectives for a Global Cooperation. Leila Oda, Ph.D. E-Mail: l.oda@uol.com.

Advances in Biosecurity and Biosafety in Latin American Countries: Perspectives for a Global Cooperation. Leila Oda, Ph.D. E-Mail: l.oda@uol.com. Advances in Biosecurity and Biosafety in Latin American Countries: Perspectives for a Global Cooperation Leila Oda, Ph.D. E-Mail: l.oda@uol.com.br www.anbio.org.br Abu Dhabi, Nov 2007 Brazil, The Biggest

Leia mais

Pagamentos por Serviços Ambientais Teoria e Experiências no Brasil

Pagamentos por Serviços Ambientais Teoria e Experiências no Brasil Pagamentos por Serviços Ambientais Teoria e Experiências no Brasil Stefano Pagiola Environment Department World Bank 1818 H Str NW Washington DC 20433 USA spagiola@worldbank.org The opinions expressed

Leia mais

Curriculum Vitae. Place and date of birth: Lisala Democratic Republic of the Congo November 29, 1951

Curriculum Vitae. Place and date of birth: Lisala Democratic Republic of the Congo November 29, 1951 Curriculum Vitae Name: Alexandre Vieira Abrantes Nacionality: Portuguese Place and date of birth: Lisala Democratic Republic of the Congo November 29, 1951 Marital Status: Divorced Address in USA: 2853

Leia mais

FLUXO TELECOMINICAÇÕES SEM FIO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009

FLUXO TELECOMINICAÇÕES SEM FIO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009 FLUXO TELECOMINICAÇÕES SEM FIO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO TELECOMINICAÇÕES SEM FIO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA

Leia mais

Informações sobre salários e escolaridade dos professores e comparativo com não-professores

Informações sobre salários e escolaridade dos professores e comparativo com não-professores Informações sobre salários e escolaridade dos professores e comparativo com não-professores Total de profissionais, independentemente da escolaridade 2003 2007 2008 Professores da Ed Básica (públicas não

Leia mais

Brazil contrats. Borrower Country Code Project ID Project Name

Brazil contrats. Borrower Country Code Project ID Project Name Borrower Country Code Project ID Project Name BR P083997 BR (MST) AltoSolimoes Bsc Srvcs and Sust BR P089011 BR Municipal APL1: Uberaba BR P006553 BR APL SP Integrated Wtr Mgmt BR P094199 BR-(APL) RS (Pelotas)

Leia mais

Tabela 1 - Conta de produção por operações e saldos, segundo as Grandes Regiões e as Unidades da Federação - 2004-2008

Tabela 1 - Conta de produção por operações e saldos, segundo as Grandes Regiões e as Unidades da Federação - 2004-2008 (continua) Produção 5 308 622 4 624 012 4 122 416 3 786 683 3 432 735 1 766 477 1 944 430 2 087 995 2 336 154 2 728 512 Consumo intermediário produtos 451 754 373 487 335 063 304 986 275 240 1 941 498

Leia mais

MRE ABC CGRM CGPD CGRB

MRE ABC CGRM CGPD CGRB 1 Organograma da ABC MRE ABC CGRM CGPD CGRB 2 Competências da ABC Coordenar, negociar, aprovar e avaliar a cooperação técnica internacional do país. Coordenar todo o ciclo da cooperação técnica internacional

Leia mais

Logistics Investment Program. Ports

Logistics Investment Program. Ports Logistics Investment Program Ports Purposes Promote the competitiveness and development of Brazilian economy End of entry walls Expansion of private investment Modernization of infrastructure and port

Leia mais

REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE MINISTÉRIO DA AGRICULTURA PROGRAMA DE APOIO AO DESENVOLVIMENTO RURAL NAS PROVINCIAS DE MANICA E SOFALA - PADR

REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE MINISTÉRIO DA AGRICULTURA PROGRAMA DE APOIO AO DESENVOLVIMENTO RURAL NAS PROVINCIAS DE MANICA E SOFALA - PADR REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE MINISTÉRIO DA AGRICULTURA PROGRAMA DE APOIO AO DESENVOLVIMENTO RURAL NAS PROVINCIAS DE MANICA E SOFALA - PADR Concurso com Previa Qualificação Convite para a Manifestação de Interesse

Leia mais

Boletim Informativo* Agosto de 2015

Boletim Informativo* Agosto de 2015 Boletim Informativo* Agosto de 2015 *Documento atualizado em 15/09/2015 (Erratas páginas 2, 3, 4 e 9) EXTRATO GERAL BRASIL 1 EXTRATO BRASIL 396.399.248 ha 233.712.312 ha 58,96% Número de Imóveis Cadastrados²:

Leia mais

FLUXO FABRICAÇÃO DE VEÍCULOS AUTOMOTORES, REBOQUES E CARROCERIAS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009

FLUXO FABRICAÇÃO DE VEÍCULOS AUTOMOTORES, REBOQUES E CARROCERIAS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 FLUXO FABRICAÇÃO DE VEÍCULOS AUTOMOTORES, REBOQUES E CARROCERIAS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO

Leia mais

CREDITO SUPLEMENTAR PROGRAMA DE TRABALHO (SUPLEMENTACAO) RECURSOS DE TODAS AS FONTES - R$ 1, 00

CREDITO SUPLEMENTAR PROGRAMA DE TRABALHO (SUPLEMENTACAO) RECURSOS DE TODAS AS FONTES - R$ 1, 00 ORGAO : 36000 - MINISTERIO DA SAUDE UNIDADE : 36211 - FUNDACAO NACIONAL DE SAUDE ANEXO I CREDITO SUPLEMENTAR PROGRAMA DE TRABALHO (SUPLEMENTACAO) RECURSOS DE TODAS AS FONTES - R$ 1, 00 E G R M I F FUNC.

Leia mais

Relatório produzido em conjunto por três agências das Nações Unidas

Relatório produzido em conjunto por três agências das Nações Unidas Relatório produzido em conjunto por três agências das Nações Unidas Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (CEPAL) Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) Organização Internacional

Leia mais

COMUNICACION " B " 5905 I 24/11/95

COMUNICACION  B  5905 I 24/11/95 BANCO CENTRAL DE LA REPUBLICA ARGENTINA COMUNICACION " B " 5905 I 24/11/95 A LAS ENTIDADES FINANCIERAS: Ref.: Circular COPEX-1 Cap. III, punto 1.3. Convenios de Pagos y Creditos Reciprocos de la ALADI

Leia mais

25 parceiros em rede

25 parceiros em rede CAAST-NET PLUS: EU-Africa knowledge and network support to HLPD Cooperaçãoeminvestigaçãoe inovaçãoentre África sub-sariana e Europa Maria Maia, FCT, Portugal caast-net-plus.org CAAST-Net Plusé um projeto

Leia mais

FLUXO ATIVIDADES ADMINISTRATIVAS E SERVIÇOS COMPLEMENTARES POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009

FLUXO ATIVIDADES ADMINISTRATIVAS E SERVIÇOS COMPLEMENTARES POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 FLUXO ATIVIDADES ADMINISTRATIVAS E COMPLEMENTARES POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009

Leia mais

Hospitais Seguros. na Região e no Mundo. Organización Panamericana de la Salud

Hospitais Seguros. na Região e no Mundo. Organización Panamericana de la Salud Hospitais Seguros na Região e no Mundo Desafios da redução do risco Virtualmente a sociedade inteira é vulnerável Diferente da maioria dos assuntos, a redução de risco não pode ser paga por uma profissão.

Leia mais

IT 204 Análise Operacional e Gerencial de Aeroportos Prof. Carlos Müller sala 2134 (muller@ita.br) 1 º semestre / 2014 Versão 2 Programa:

IT 204 Análise Operacional e Gerencial de Aeroportos Prof. Carlos Müller sala 2134 (muller@ita.br) 1 º semestre / 2014 Versão 2 Programa: Programa: Requisito recomendado: IT-203 Aeroportos. Requisito exigido: não há. Horas semanais: 3-0-6. Análise de terminais aeroportuários sob o ponto de vista operacional. Conceituação de capacidade do

Leia mais

Asseguração de Relatórios de Sustentabilidade Denise Saboya 23 de setembro de 2009

Asseguração de Relatórios de Sustentabilidade Denise Saboya 23 de setembro de 2009 Asseguração de Relatórios de Sustentabilidade Denise Saboya 23 de setembro de 2009 Relembrando conceitos de sustentabilidade Desenvolvimento Econômico Responsabilidade Social Maximização do retorno do

Leia mais

Grupo Banco Mundial. Construindo um mundo sem pobreza

Grupo Banco Mundial. Construindo um mundo sem pobreza Grupo Banco Mundial Construindo um mundo sem pobreza Enfoque Regional! O Banco Mundial trabalha em seis grandes regiões do mundo: 2 Fatos Regionais: América Latina e Caribe (ALC)! População total: 500

Leia mais

MESA DA ASSEMBLEIA GERAL

MESA DA ASSEMBLEIA GERAL MESA DA ASSEMBLEIA GERAL Informação a que se refere a alínea d) do n.º 1 do artigo 289.º do Código das Sociedades Comerciais FRANCISCO XAVIER ZEA MANTERO é natural de Lisboa, onde nasceu em 25 de Dezembro

Leia mais

Pagamentos por Serviços Ambientais

Pagamentos por Serviços Ambientais Pagamentos por Serviços Ambientais l Adriana Moreira Departamento de Desenvolvimento Sustentável da América Latina e Caribe Banco Mundial Stefano Pagiola, World Bank, 2010 1 Degradação de bacia hidrográfica

Leia mais

FLUXO TELECOMINICAÇÕES COM FIO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009

FLUXO TELECOMINICAÇÕES COM FIO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009 FLUXO TELECOMINICAÇÕES COM FIO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO TELECOMINICAÇÕES COM FIO POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA

Leia mais

Atuação do Banco do Nordeste

Atuação do Banco do Nordeste São Luis MA Novembro de 2012 Atuação do Banco do Nordeste O Banco do Nordeste tem como área básica de atuação os nove Estados da região Nordeste, o norte e os Vales do Mucuri e do Jequitinhonha do Estado

Leia mais

Logistics Investment Program. Ports

Logistics Investment Program. Ports Logistics Investment Program Ports Purposes Promote the competitiveness and development of Brazilian economy End of entry walls Expansion of private investment Modernization of infrastructure and port

Leia mais

CONGRESSO NACIONAL ORÇAMENTO DA UNIÃO EXERCÍCIO FINANCEIRO DE 2015 ORÇAMENTO FISCAL E DA SEGURIDADE SOCIAL

CONGRESSO NACIONAL ORÇAMENTO DA UNIÃO EXERCÍCIO FINANCEIRO DE 2015 ORÇAMENTO FISCAL E DA SEGURIDADE SOCIAL CONGRESSO NACIONAL ORÇAMENTO DA UNIÃO EXERCÍCIO FINANCEIRO DE 2015 PROJETO DE LEI Nº 13, DE 2014 - CN MENSAGEM Nº 251, DE 2014 ORÇAMENTO FISCAL E DA SEGURIDADE SOCIAL VOLUME V DETALHAMENTO DOS CRÉDITOS

Leia mais

Boletim Informativo. Junho de 2015

Boletim Informativo. Junho de 2015 Boletim Informativo Junho de 2015 Extrato Geral Brasil 1 EXTRATO BRASIL ÁREA ** 397.562.970 ha 227.679.854 ha 57,27% Número de Imóveis cadastrados: 1.727.660 Observações: Dados obtidos do Sistema de Cadastro

Leia mais

FLUXO MANUTENÇÃO, REPARAÇÃO E INSTALAÇÃO DE MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009

FLUXO MANUTENÇÃO, REPARAÇÃO E INSTALAÇÃO DE MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 FLUXO MANUTENÇÃO, REPARAÇÃO E INSTALAÇÃO DE MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO MANUTENÇÃO, REPARAÇÃO E INSTALAÇÃO

Leia mais

A União Europeia e o apoio às Empresas. Margarida Marques, Chefe da Representação da Comissão Europeia em Portugal

A União Europeia e o apoio às Empresas. Margarida Marques, Chefe da Representação da Comissão Europeia em Portugal A União Europeia e o apoio às Empresas Margarida Marques, Chefe da Representação da Comissão Europeia em Portugal Abril 2010 Programa-Quadro para a Competitividade e a Inovação (CIP) Programa-Quadro para

Leia mais

TETO PARA CASAS DE APOIO - (PORTARIA 2190)

TETO PARA CASAS DE APOIO - (PORTARIA 2190) ANEXO I TETO PARA CASAS DE APOIO - (PORTARIA 2190) ESTADOS TETO PARA CASAS DE APOIO ACRE 40.000,00 ALAGOAS 105.000,00 AMAPA 57.000,00 AMAZONAS 150.000,00 BAHIA 555.000,00 CEARÁ 320.000,00 DISTRITO FEDERAL

Leia mais

Serviço de consultadoria independente de projectos internacionais de saúde

Serviço de consultadoria independente de projectos internacionais de saúde International Health Consultants Member of the International Hospital Federation Serviço de consultadoria independente de projectos internacionais de saúde Asia and Far East Eastern Europe and Russia Latin

Leia mais

Desenvolvimento Urbano Sustentável problemas e desafios para Portugal

Desenvolvimento Urbano Sustentável problemas e desafios para Portugal CEG IGOT Conferência Internacional Cidades Sustentáveis 2020 Painel II Desenvolvimento Urbano Sustentável Desenvolvimento Urbano Sustentável problemas e desafios para Portugal 11 de Julho de 2013 MAMAOT,

Leia mais

RESUMO GERAL Atualizada até 31/12/2012

RESUMO GERAL Atualizada até 31/12/2012 Gabinete do Ministro - GM Coordenação Geral de Imigração - CGIg Atualizado até 30/09/2011 RESUMO GERAL Atualizada até 31/12/2012 1 Gabinete do Ministro - GM Coordenação Geral de Imigração - CGIg Autorizações

Leia mais

RESUMO GERAL Atualizada até 30/09/2012

RESUMO GERAL Atualizada até 30/09/2012 Gabinete do Ministro - GM Coordenação Geral de Imigração - CGIg Atualizado até 30/09/2011 RESUMO GERAL Atualizada até 30/09/2012 1 Gabinete do Ministro - GM Coordenação Geral de Imigração - CGIg Autorizações

Leia mais

Panel 3: Improving the Delivery Services

Panel 3: Improving the Delivery Services UNITED NATIONS PUBLIC SERVICE DAY AND AWARDS CEREMONY Technical Seminar on Innovation in the Delivery of Public Services Panel 3: Improving the Delivery Services IMPLEMENTATION OF THE SELF-SUSTAINABLE

Leia mais

Figura 1: Distribuição de CAPS no Brasil, 25. RORAIMA AMAPÁ AMAZONAS PARÁ MARANHÃO CEARÁ RIO GRANDE DO NORTE PAIUÍ PERNAMBUCO ACRE ALAGOAS SERGIPE TOCANTINS RONDÔNIA PARAÍBA BAHIA MATO GROSSO DISTRITO

Leia mais

CARTA-CIRCULAR Nº. 1112

CARTA-CIRCULAR Nº. 1112 CARTA-CIRCULAR Nº. 1112 Documento normativo revogado pela Circular 2.847, de 05/11/1998. Comunicamos que, por força da mudança na denominação social do BANCO FINANCEIRO SUDAMERICANO para BANCO NMB SUDAMERICANO,

Leia mais

Seminário FMI e Sindicatos Aprofundando nosso diálogo e afinando nossas políticas

Seminário FMI e Sindicatos Aprofundando nosso diálogo e afinando nossas políticas Seminário FMI e Sindicatos Aprofundando nosso diálogo e afinando nossas políticas Victor Lledó Representante Residente do FMI Hotel Avenida, Maputo, 17 de Novembro de 2010 Estrutura da apresentação O papel

Leia mais

Segurança Hídrica. Encob- 2015 Caldas Novas. Marília Carvalho de Melo Especialista em Recursos Hídricos

Segurança Hídrica. Encob- 2015 Caldas Novas. Marília Carvalho de Melo Especialista em Recursos Hídricos Segurança Hídrica Encob- 2015 Caldas Novas Marília Carvalho de Melo Especialista em Recursos Hídricos Tópicos a serem abordados -Conceito de Segurança Hídrica -O Brasil no contexto internacional -O Panorama

Leia mais

Analfabetismo no Brasil

Analfabetismo no Brasil Analfabetismo no Brasil Ricardo Paes de Barros (IPEA) Mirela de Carvalho (IETS) Samuel Franco (IETS) Parte 1: Magnitude e evolução do analfabetismo no Brasil Magnitude Segundo estimativas obtidas com base

Leia mais

ANEXO I - Planilha para formação de preços ITEM 01 Serviço Telefônico Fixo Comutado STFC na modalidade Local (PABX ANEEL) Com Im

ANEXO I - Planilha para formação de preços ITEM 01 Serviço Telefônico Fixo Comutado STFC na modalidade Local (PABX ANEEL) Com Im ANEXO I Planilha para formação de preços ITEM 01 Serviço Telefônico Fixo Comutado STFC na modalidade Local (PABX ANEEL) Com Im ITEM FIXO (A) Descrição Cobrado uma única vez QTD Preço Unitário Instalação

Leia mais

Foreign Trade Promotion for German Small and Medium-Sized Enterprises (SMEs) in Brazil

Foreign Trade Promotion for German Small and Medium-Sized Enterprises (SMEs) in Brazil Foreign Trade Promotion for German (SMEs) in Brazil Vice-President of Marketing and Sales, German-Brazilian Chamber of Industry and Commerce Blumenau, November 20, 2007 Worldwide German Chambers Network

Leia mais

FLUXO DO ARMAZENAMENTO E ATIVIDADES AUXILIARES DOS TRANSPORTES POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009

FLUXO DO ARMAZENAMENTO E ATIVIDADES AUXILIARES DOS TRANSPORTES POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 FLUXO DO ARMAZENAMENTO E ATIVIDADES AUXILIARES DOS POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO DO, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA

Leia mais

Boletim Informativo. Maio de 2015. * Errata: Tabela Fonte de Dados - Por Estado

Boletim Informativo. Maio de 2015. * Errata: Tabela Fonte de Dados - Por Estado Boletim Informativo Maio de 2015 * Errata: Tabela Fonte de Dados - Por Estado Extrato Geral Brasil EXTRATO BRASIL ÁREA ** 397.562.970 ha 212.920.419 ha 53,56 % Número de Imóveis cadastrados: 1.530.443

Leia mais

ACS Assessoria de Comunicação Social

ACS Assessoria de Comunicação Social Oferta de vagas por instituição UNIVERSIDADES FEDERAIS FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DE PORTO ALEGRE 408 FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA 636 FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO

Leia mais

Intérprete de Conferência Português, Inglês, Espanhol. Coimbra 31-08-1983 Nacionalidade Portuguesa. Intérprete de Conferência freelancer

Intérprete de Conferência Português, Inglês, Espanhol. Coimbra 31-08-1983 Nacionalidade Portuguesa. Intérprete de Conferência freelancer Europass Curriculum Vitae Intérprete de Conferência Português, Inglês, Espanhol Informação pessoal Nome Gisela Gambini Telemóvel +351-926177793 E-mail gambini.gisela@gmail.com Morada Data de Nascimento

Leia mais

ORGANIZACIONES DE AGENTES COMERCIALES EN AMÉRICA

ORGANIZACIONES DE AGENTES COMERCIALES EN AMÉRICA ARGENTINA FEDERACION UNICA DE VIAJANTES DE LA ARGENTINA FUVA Moreno 2033-3º Piso Tel. 00 5411 5237 1900 e-mail: fuva@redsocialfuva.org.ar http://www.fuva.org.ar CP:1094ABE - CF - BUENOS AIRES (ARGENTINA)

Leia mais

Tabela 4 - Participação das atividades econômicas no valor adicionado bruto a preços básicos, por Unidades da Federação - 2012

Tabela 4 - Participação das atividades econômicas no valor adicionado bruto a preços básicos, por Unidades da Federação - 2012 Contas Regionais do Brasil 2012 (continua) Brasil Agropecuária 5,3 Indústria 26,0 Indústria extrativa 4,3 Indústria de transformação 13,0 Construção civil 5,7 Produção e distribuição de eletricidade e

Leia mais

A relação dos projetos aprovados, indeferidos e não pré-qualificados éa seguinte:

A relação dos projetos aprovados, indeferidos e não pré-qualificados éa seguinte: CT-INFRA - Fundo de Infra-Estrutura RESULTADO DO EDITAL 03/2001 CT-INFRA O Comitê Gestor do CT-INFRA, em reunião realizada em 03 de junho de 2002, tomando como base a avaliação de mérito do Comitê Assessor,

Leia mais

MOBILITY AND SUSTAINABILITY Rosario, May 9th 14th, 2011. jaime lerner arquitetos associados

MOBILITY AND SUSTAINABILITY Rosario, May 9th 14th, 2011. jaime lerner arquitetos associados MOBILITY AND SUSTAINABILITY Rosario, May 9th 14th, 2011 STRATEGIC VISION AND URBAN STRUCTURE VITA, THE TURTLE OTTO, THE AUTOMOBILE ACCORDION, THE FRIENDLY BUS DRAWING THE CITIES... URBAN STRUCTURE OF

Leia mais

Classe C (%) no Brasil - Evolução % Microempresários na População Total- Evolução 1992 a 2007

Classe C (%) no Brasil - Evolução % Microempresários na População Total- Evolução 1992 a 2007 Classe E (%) no Brasil - Evolução 35.00 35.0 35.0 30.00 25.00 20.00 15.00 28.6 28.8 28.4 26.9 28.7 27.5 26.6 28.0 25.3 22.7 19.2 18.1 15.3 Classe C (%) no Brasil - Evolução % na População Total- Evolução

Leia mais

FLUXO DE TRANSPORTES TERRESTRE POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009

FLUXO DE TRANSPORTES TERRESTRE POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009 FLUXO DE TRANSPORTES TERRESTRE POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA - 2009 Entradas e Saídas de Mercadorias Base 2009 FLUXO DE TRANSPORTES TERRESTRE, POR UNIDADE DA FEDERAÇÃO NO ESTADO DA PARAÍBA

Leia mais

Transport in Brazil Overview. Dr. Giselle Xavier Brookes Visiting Research Fellow UDESC - State University of Santa Catarina - Brasil

Transport in Brazil Overview. Dr. Giselle Xavier Brookes Visiting Research Fellow UDESC - State University of Santa Catarina - Brasil Transport in Brazil Overview Dr. Giselle Xavier Brookes Visiting Research Fellow UDESC - State University of Santa Catarina - Brasil Brazil in the World http://www.geographicguide.com/maps.htm Latin America

Leia mais

Doing Business 2011 Dados Informativos Resumo das Reformas na África Subsaariana

Doing Business 2011 Dados Informativos Resumo das Reformas na África Subsaariana Doing Business 2011 Dados Informativos Resumo das Reformas na África Subsaariana Angola reduziu o tempo de comércio internacional fazendo investimentos em infraestrutura e administração portuárias. Áreas

Leia mais

O Gás Não Convencional no Brasil e no Mundo

O Gás Não Convencional no Brasil e no Mundo O Gás Não Convencional no Brasil e no Mundo Sylvie D Apote Sócia-Diretora, Gas Energy 14ºEncontro de Energia da FIESP São Paulo, 05-06 de Agosto de 2013 Gas Energy S.A. A GAS ENERGY S.A. é uma empresa

Leia mais

Women for Science since Budapest 1999: a view from Brazil. Alice Abreu Director of ICSU-LAC

Women for Science since Budapest 1999: a view from Brazil. Alice Abreu Director of ICSU-LAC Women for Science since Budapest 1999: a view from Brazil Alice Abreu Director of ICSU-LAC Primer Foro Regional sobre Políticas de Ciencia, Tecnología e Innovación en América Latina y el Caribe: Primer

Leia mais

BRICS Monitor. Especial RIO+20. Rio+20: a China e a Estrutura Institucional Internacional para o Desenvolvimento Sustentável.

BRICS Monitor. Especial RIO+20. Rio+20: a China e a Estrutura Institucional Internacional para o Desenvolvimento Sustentável. BRICS Monitor Especial RIO+20 Rio+20: a China e a Estrutura Institucional Internacional para o Desenvolvimento Sustentável Abril de 2012 Núcleo de Política Internacional e Agenda Multilateral BRICS Policy

Leia mais

HIV/aids no Brasil - 2012

HIV/aids no Brasil - 2012 HIV/aids no Brasil - 2012 Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais Secretaria de Vigilância em Saúde Ministério da Saúde Novembro de 2012 HIV Dados gerais Prevalência do HIV maior entre homens (15

Leia mais

BRAZILIAN NATIONAL TELEHEALTH PROGRAM

BRAZILIAN NATIONAL TELEHEALTH PROGRAM BRAZILIAN NATIONAL TELEHEALTH PROGRAM Ana Estela Haddad Beatriz Alckmin Chao Wen Sergio Roshke Francisco Campos Ministry of Health, Brazil Departamento de de Gestão Gestão da da Secretaria de de Gestão

Leia mais

BANCO MUNDIAL: CONSULTAS SOBRE A NOVA ESTRATÉGIA DA EDUCAÇÃO 2020

BANCO MUNDIAL: CONSULTAS SOBRE A NOVA ESTRATÉGIA DA EDUCAÇÃO 2020 BANCO MUNDIAL: CONSULTAS SOBRE A NOVA ESTRATÉGIA DA EDUCAÇÃO 2020 MISSÃO DO BANCO MUNDIAL NA EDUCAÇÃO Desenvolver o conhecimento e as competências do cidadão para a vida e o trabalho, a fim de reduzir

Leia mais

2014 World Cup FIFA Brazil

2014 World Cup FIFA Brazil Copa do Mundo da FIFA 2014 Brasil 2014 World Cup FIFA Brazil JORNADAS TÉCNICAS BRASIL AS INFRAESTRUTURAS NAS CIDADES SEDE DA COPA DE FUTEBOL Evoluçãosócio-econômicado Brasil Entre as dez maiores economias

Leia mais

MERCOSUL Subgrupo de Trabalho Nº 6 Meio Ambiente XXXI Reunião Ordinária do SGT Nº 6 Meio Ambiente Brasília, Brasil

MERCOSUL Subgrupo de Trabalho Nº 6 Meio Ambiente XXXI Reunião Ordinária do SGT Nº 6 Meio Ambiente Brasília, Brasil MERCOSUL Subgrupo de Trabalho Nº 6 Meio Ambiente XXXI Reunião Ordinária do SGT Nº 6 Meio Ambiente Brasília, Brasil ANEXO XVIII APRESENTAÇÃO SOBRE INICIATIVA HEMA MERCOSUL/XXXI SGT Nº 6/DI Nº 4/04 Subgrupo

Leia mais

ERASMUS+ PROGRAM 2015/16 Degree Year Sem. Code Subject Subject (English) ECTS Notes

ERASMUS+ PROGRAM 2015/16 Degree Year Sem. Code Subject Subject (English) ECTS Notes ERASMUS+ PROGRAM 2015/16 Degree Year Sem. Code Subject Subject (English) ECTS Notes Busin. Manag. 1º 1 LGE1104 Contabilidade Empresarial I Business Accounting I 6 Not available in English Busin. Manag.

Leia mais

Women s World Banking. Construindo sistemas de financiamento nacional para pessoas de baixa renda

Women s World Banking. Construindo sistemas de financiamento nacional para pessoas de baixa renda Women s World Banking Construindo sistemas de financiamento nacional para pessoas de baixa renda Women s World Banking Network Afiliados, Associados, Membros GNBI e AFMIN fornecem serviços financeiros

Leia mais

COOPERAÇÃO SUL-SUL BRASILEIRA

COOPERAÇÃO SUL-SUL BRASILEIRA COOPERAÇÃO SUL-SUL BRASILEIRA Representação organizacional da ABC O Mandato da ABC Negociar, aprovar, coordenar e avaliar a cooperação técnica internacional no Brasil Coordenar e financiar ações de cooperação

Leia mais

Proposta de Pesquisa. Distance Learning In Brazil: an Overview

Proposta de Pesquisa. Distance Learning In Brazil: an Overview Distance Learning In Brazil: an Overview 1 Brazil Divided into: 5 regions (North, Northeast, Center-West, Southwest e South); 27 States and 5.568 municipalities; Surface: 8.511.925 KM 2 (47% of South America);

Leia mais

Catalizando investimentos privados. O papel do Banco Mundial na redução do risco

Catalizando investimentos privados. O papel do Banco Mundial na redução do risco Catalizando investimentos privados O papel do Banco Mundial na redução do risco Depois de 11 de setembro, aumentou ainda mais no mercado a aversão ao risco Onze de setembro, a crise na Argentina, a bancarrota

Leia mais

Classificação dos Países

Classificação dos Países Indicadores Sociais: Os indicadores sociais são meios utilizados para designar os países como sendo: Ricos (desenvolvidos), Em Desenvolvimento (economia emergente) ou Pobres (subdesenvolvidos). Com isso,

Leia mais

WELCOME! GCF Task Force Webinar on the GCF Support Network Tool. Audience: Global GCF Stakeholders

WELCOME! GCF Task Force Webinar on the GCF Support Network Tool. Audience: Global GCF Stakeholders WELCOME! GCF Task Force Webinar on the GCF Support Network Tool Audience: Global GCF Stakeholders Host: Amelia Peterson, GCF Training & Knowledge Networks Director Webinar Protocol & Agenda 10:00-05 What

Leia mais