COMUNICADO DE IMPRENSA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "COMUNICADO DE IMPRENSA"

Transcrição

1 COMUNICADO DE IMPRENSA Kaspersky Lab identifica operação Outubro Vermelho: uma nova campanha de ciber-espionagem avançada e de grandes dimensões, dirigida a organismos diplomáticos e governos de todo o mundo Registaram-se mais de ligações feitas a partir de 250 endereços IP infectados em 39 países. A maioria das ligações procedia da Suíça, seguida do Cazaquistão e da Grécia. Os atacantes criaram um malware único capaz de roubar informação de sistemas informáticos de organizações, equipamentos de rede empresariais e telefones móveis Os principais alvos desta campanha são países da Europa de Leste, antigas repúblicas da URSS e países da Ásia Central, embora tenham sido detectadas vítimas também na Europa Ocidental e América do Norte Lisboa, 14 de Janeiro de 2013 A Kaspersky Lab publica hoje um relatório de investigação que identifica uma nova campanha de ciber-espionagem, dirigida a organizações diplomáticas e centros de investigação científica e governamentais em vários países, que já opera há pelo menos cinco anos. Esta campanha dirige-se a países da Europa de Leste, a ex-repúblicas da antiga URSS e a países da Ásia Central, embora entre as vítimas se contem também organismos da Europa Ocidental e América do Norte. O principal objectivo dos criadores era obter documentação sensível das organizações comprometidas, que incluíssem dados de inteligência geopolítica, bem como credenciais de acesso a sistemas classificados de computadores, dispositivos móveis pessoais e equipamentos de rede. Página 1

2 Em Outubro de 2012, a equipa de analistas da Kaspersky Lab iniciou uma investigação à raiz de uma série de ataques dirigidos contra redes informáticas internacionais de diferentes agências de serviços diplomáticos. Segundo o relatório de análise da Kaspersky Lab, a Operação Outubro Vermelho, também chamada Rocra pela sua sigla em inglês, ainda continua activa e já opera desde Principais dados: Rede de Ciber-espionagem Avançada Outubro Vermelho: Os ataques têm estado activos pelo menos desde 2007 e centram-se nas agências diplomáticas e governamentais de diversos países de todo mundo, além de instituições de investigação, grupos energéticos e nucleares, comércio e indústrias aeroespaciais. Os autores do Outubro Vermelho desenharam o seu próprio malware, identificado como "Rocra", que tem a sua própria arquitectura modular única composta por extensões, módulos maliciosos que roubam informação e Trojans backdoors. Os cibercriminosos usavam a informação filtrada de redes infectadas para ter acesso a sistemas adicionais. Por exemplo, as credenciais roubadas eram compiladas numa lista que é utilizada quando os atacantes precisam de descobrir senhas ou frases para aceder aos sistemas adicionais. Para fazer com o controlo da rede de equipamentos infectados, criaram mais de 60 nomes de domínio e localizaram-nos em vários servidores de hosting em diferentes países, sendo a maioria na Alemanha e Rússia. A análise da Kaspersky Lab aos C&C mostra que a infra-estrutura da corrente de servidores estava a trabalhar como proxy (redes informáticas) para ocultar a localização do servidor de controlo principal. A informação roubada nos sistemas atacados inclui documentos com as extensões: txt, csv, eml, doc, vsd, sxw, odt, docx, rtf, pdf, mdb, xls, wab, rst, xps, iau, cif, key, crt, cer, hse, pgp, gpg, xia, xiu, xis, xio, xig, acidcsa, acidsca, aciddsk, acidpvr, acidppr, acidssa. A extensão acid, concretamente, aparece para se referir ao software classificado "Acid Cryptofiler" que foi utilizado anteriormente por várias entidades, desde a União Europeia à NATO. Página 2

3 Vítimas infectadas Os cibercriminosos atacavam os equipamentos das vítimas através de uma campanha de phishing que incluía um Trojan personalizado. O Trojan instalava o malware e infectava o sistema de malicioso, incluindo exploits manipulados por vulnerabilidades de segurança dentro do Microsoft Office e Microsoft Excel. Os exploits dos documentos usados para lançar os mails de phishing foram criados por outros cibercriminosos e utilizados em diferentes ciber-ataques, como os dos activistas do Tíbet e os do sector energético na Ásia. A única variação introduzida no documento utilizado pelo Rocra foi um executável integrado que os atacantes substituíram pelo seu próprio código. Em particular, um dos comandos no Trojan muda o código da página de um equipamento infectado para 1251, código requerido para representar fontes cirílicas. Organizações e alvos Os analistas da Kaspersky Lab usaram dois métodos para analisar as vítimas afectadas. Para isso, utilizaram primeiro as estatísticas de detecção da Kaspersky Security Network (KSN), um serviço de segurança baseado na nuvem que os produtos da Kaspersky utilizam para reportar telemetria e implementar protecção avançada para as ameaças através de listas negras e normas heurísticas. A KSN já estava a detectar o código do exploit utilizado no malware desde 2011, o que permitiu à equipa de analistas da Kaspersky Lab rastrear detecções relacionadas com o Rocra. O segundo método utilizado pela equipa de investigação foi criar um servidor sinkhole para poder monitorizar os equipamentos infectados ligando aos servidores C2 do Rocra. Os dados recolhidos por ambos os métodos frutificaram em duas formas independentes de correlacionar e confirmar as suas conclusões: Estatísticas KSN: várias centenas de sistemas únicos infectados foram detectadas através dos dados da KSN, com foco em múltiplas embaixadas, redes governamentais e organizações, institutos de investigação científica e consulados. Segundo os dados da KSN, a maioria das infecções foi identificada sobretudo na Europa de Leste, mas outras infecções foram também Página 3

4 encontradas na América do Norte e em países da Europa ocidental, como Suíça e Luxemburgo. Estatísticas Sinkhole: a análise do sinkhole da Kaspersky Lab foi levada a cabo entre Novembro de 2012 a Janeiro de Durante esse tempo, registaram-se mais de ligações a partir de 250 endereços IP infectados, registados em 39 países. A maioria das ligações IP infectadas procedia da Suíça, seguida do Cazaquistão e Grécia. Malware Rocra: arquitectura única e características Os atacantes criaram uma plataforma de ataque multifuncional que incluía diferentes extensões e ficheiros maliciosos desenhados para se adaptarem rapidamente à configuração de diferentes sistemas e extrair a inteligência dos equipamentos infectados. Esta plataforma é única do Rocra e não tinha sido identificada pela Kaspersky Lab em nenhuma campanha de ciber-espionagem prévia. Entre as suas características mais destacadas encontram-se: Módulo de ressurreição: um único módulo permite aos atacantes ressuscitar os equipamentos infectados. O módulo está embebido num plug-in dentro do Adobe Reader e na instalação do Microsoft Office e proporciona ao cibercriminoso uma fórmula para poder reaceder aos sistemas alvo do ataque, no caso de o corpo principal do malware ser detectado e eliminado ou se o sistema foi corrigido. Uma vez que os C2s estejam de novo operativos, o atacante envia um documento especializado (PDF ou Office) aos equipamentos das vítimas via e o malware é de novo activado. Módulos de encriptação de espionagem avançada: o principal objectivo dos módulos de espionagem é o roubo de informação. Inclui ficheiros de diferentes sistemas de encriptação, como o Acid Cryptofiler, que é conhecido por ser utilizado em organizações como a NATO, a União Europeia, o Parlamento Europeu e a Comissão Europeia desde o Verão de 2011 para proteger informação sensível. Dispositivos móveis: além de atacar estações de trabalho tradicionais, o malware é capaz de roubar dados de dispositivos móveis, como smartphones (iphone, Nokia e Windows Mobile). O malware também é capaz de roubar Página 4

5 informação sobre a configuração de equipamentos em redes corporativas como routers ou switches, bem como ficheiros apagados de discos rígidos externos. Identificação do atacante: com base no registo de dados nos servidores C2 e dos numerosos artefactos deixados nos executáveis do malware, existe uma importante evidência técnica que indica que os atacantes têm origens relacionados com o idioma russo. Além disso, os executáveis utilizados eram desconhecidos até há pouco tempo e não foram identificados pelos analistas da Kaspersky Lab em análises a ataques de ciber-espionagem prévios. A Kaspersky Lab, em colaboração com organizações internacionais, agências da autoridade e CERTs (equipas de resposta a emergências informáticas) continua a sua investigação sobre o Rocra, facilitando a sua expertise técnica e os seus recursos para o desenvolvimento de processos de resolução e mitigação. A Kaspersky Lab gostaria de expressar seu agradecimento a: US-CERT, o CERT Romeno e Bielorrusso pela sua ajuda com a investigação. Os produtos da Kaspersky Lab detectam o malware Rocra, classificado como Backdoor.win32.sputnik, bloqueando-o e desactivando-o. Mais informação: yber_espionage_network_targeting_diplomatic_and_government_agencies Sobre a Kaspersky Lab A Kaspersky Lab é o maior fabricante de soluções de segurança endpoint. A companhia é uma dos quatro principais fabricantes mundiais de soluções de segurança informática para utilizador final*. Ao longo dos seus 15 anos de vida, a Kaspersky Lab tornou-se numa inovadora empresa de segurança de TI que oferece soluções eficazes de segurança digital para utilizadores, PMEs e empresas. Actualmente opera em quase 200 países e regiões de todo mundo, oferecendo protecção a mais de 300 milhões de utilizadores. Mais informação em * A companhia ocupa a quarta posição no Ranking Mundial da IDC de Fabricantes de Soluções de Segurança TI para Utilizador Final em A lista foi publicada no Relatório Mundial da IDC sobre Produtos de Segurança TI nas previsões de e o de Fabricantes 2010 em Dezembro O relatório classificava os diferentes fabricantes de acordo com as receitas obtidas pela venda de soluções de segurança para utilizador final em Página 5

6 Para mais informações, contacte: LANÇA PALAVRA Ana Margarida Paula Tel Fax Kaspersky Lab Iberia Vanessa González Directora de Comunicação Tel Kaspersky Lab. A informação contida pode ser sujeita a mudanças sem aviso prévio. As únicas garantias dos produtos e serviços da Kaspersky Lab estão definidas de agora em diante nas declarações de garantia expressa que acompanham estes produtos e serviços. Nada do que aqui se expressa pode ser interpretado como garantia adicional. A Kaspersky Lab não se responsabiliza por erros técnicos ou editoriais ou omissões cometidos no texto. Página 6

COMUNICADO DE IMPRENSA

COMUNICADO DE IMPRENSA COMUNICADO DE IMPRENSA Kaspersky Internet Security e Kaspersky Anti-Virus 2013 Máxima protecção contra todas as ameaças Ambos os produtos foram actualizados para oferecer protecção avançada contra o malware

Leia mais

COMUNICADO DE IMPRENSA

COMUNICADO DE IMPRENSA COMUNICADO DE IMPRENSA O auge das redes zombi em 2012 Este fenómeno tem evoluído nos últimos anos e têm surgido, por exemplo, redes zombi descentralizadas, móveis e administradas através das redes sociais,

Leia mais

COMUNICADO DE IMPRENSA

COMUNICADO DE IMPRENSA COMUNICADO DE IMPRENSA Relatório de malware de Julho: Ciber-criminosos defraudam férias online Neste mês foi detectado um novo espião para Android, de seu nome ZitMo, capaz de roubar o código mtan, uma

Leia mais

Mais de 40% do spam tem como objectivo roubar informação pessoal, incluindo dados financeiros

Mais de 40% do spam tem como objectivo roubar informação pessoal, incluindo dados financeiros Mais de 40% do spam tem como objectivo roubar informação pessoal, incluindo dados financeiros Lisboa, 21 de Agosto de 2013 As notificações de falha de entrega de e-mails são novo isco de spam O volume

Leia mais

COMUNICADO DE IMIMPRENSA

COMUNICADO DE IMIMPRENSA COMUNICADO DE IMIMPRENSA RELATÓRIO ANUAL DE SPAM 2012 Spam caiu 8,2% em 2012, atingindo o nível mais baixo dos últimos 5 anos As categorias tradicionais de spam estão a migrar para as redes sociais. Alguns

Leia mais

Roubo de dados e de dinheiro ou o bloqueio da infra-estrutura TI: os principais alvos dos ciberataques empresariais em 2013

Roubo de dados e de dinheiro ou o bloqueio da infra-estrutura TI: os principais alvos dos ciberataques empresariais em 2013 Roubo de dados e de dinheiro ou o bloqueio da infra-estrutura TI: os principais alvos dos ciberataques empresariais em 2013 RELATÓRIO CIBERAMEAÇAS B2B 2O13 Lisboa, 18 de Dezembro de 2013 O uso alargado

Leia mais

COMUNICADO DE IMPRENSA

COMUNICADO DE IMPRENSA COMUNICADO DE IMPRENSA Marketing digital, novo veículo para o spam Para uma onda de spam de conteúdo pornográfico, com mais de 5.000 bots activos, foram criados 250 novos bots por dia. Para algumas campanhas,

Leia mais

RELATÓRIO VIROLOGIA MÓVEL 2011 E TENDÊNCIAS 2012. 2012 é o ano dos worms massivos para Android e da propagação da ciber-espionagem móvel

RELATÓRIO VIROLOGIA MÓVEL 2011 E TENDÊNCIAS 2012. 2012 é o ano dos worms massivos para Android e da propagação da ciber-espionagem móvel RELATÓRIO RELATÓRIO VIROLOGIA MÓVEL 2011 E TENDÊNCIAS 2012 2012 é o ano dos worms massivos para Android e da propagação da ciber-espionagem móvel O Android tornou-se no sistema operativo móvel mais atacado

Leia mais

COMUNICADO DE IMPRENSA

COMUNICADO DE IMPRENSA COMUNICADO DE IMPRENSA Os Trojans Zeus ressurgem e já representam 26,2% dos programas maliciosos no email As redes sociais continuam no primeiro posto da estatística das organizações mais atacadas pelos

Leia mais

Trojans bancários dominaram malware do tráfego de email em Julho

Trojans bancários dominaram malware do tráfego de email em Julho Trojans bancários dominaram malware do tráfego de email em Julho Relatório de Spam. Julho 2013 Lisboa, 6 de Setembro de 2013 Edward Snowden torna-se num dos claros protagonistas do spam de Julho Volume

Leia mais

COMUNICADO DE IMPRENSA

COMUNICADO DE IMPRENSA COMUNICADO DE IMPRENSA Kaspersky PURE 2.0 Total Security Protecção para os PCs de toda a família Protecção integral, simples de gerir e eficaz contra todos os perigos da Internet Todos os dias aparecem

Leia mais

Verificar a reputação dos ficheiros através da Kaspersky Security Network

Verificar a reputação dos ficheiros através da Kaspersky Security Network Verificar a reputação dos ficheiros através da Kaspersky Security Network O sistema baseado em cloud Kaspersky Security Network (KSN), criado para reagir o mais rapidamente possível às novas ameaças que

Leia mais

Kaspersky Fraud Prevention for Endpoints

Kaspersky Fraud Prevention for Endpoints Kaspersky Fraud Prevention for Endpoints www.kaspersky.pt KASPERSKY FRAUD PREVENTION 1. Formas de atacar serviços bancários online O principal motivo por trás do cibercrime é fazer dinheiro e os conhecimentos

Leia mais

Kaspersky Security for Mobile

Kaspersky Security for Mobile Kaspersky Security for Mobile 1 Kaspersky Security for Mobile Dez anos de liderança em segurança móvel Tecnologia em constante evolução para ameaças em constante evolução. A Kaspersky Lab tem vindo a

Leia mais

Apresentamos o KASPERSKY ENDPOINT SECURITY FOR BUSINESS

Apresentamos o KASPERSKY ENDPOINT SECURITY FOR BUSINESS Apresentamos o KASPERSKY ENDPOINT SECURITY FOR BUSINESS 1 Impulsionadores empresariais e respectivo impacto em TI AGILIDADE EFICIÊNCIA PRODUTIVIDADE Seja rápido, ágil e flexível Cortar custos Consolidar

Leia mais

Kaspersky DDoS Protection. Proteger a sua empresa contra perdas financeiras e de reputação com o Kaspersky DDoS Protection

Kaspersky DDoS Protection. Proteger a sua empresa contra perdas financeiras e de reputação com o Kaspersky DDoS Protection Kaspersky DDoS Protection Proteger a sua empresa contra perdas financeiras e de reputação com o Um ataque de recusa de serviço distribuído (DDoS) é uma das armas mais populares no arsenal dos cibercriminosos.

Leia mais

CUSTO TOTAL DE PROPRIEDADE DO PANDA MANAGED OFFICE PROTECTION. 1. Resumo Executivo

CUSTO TOTAL DE PROPRIEDADE DO PANDA MANAGED OFFICE PROTECTION. 1. Resumo Executivo 1. Resumo Executivo As empresas de todas as dimensões estão cada vez mais dependentes dos seus sistemas de TI para fazerem o seu trabalho. Consequentemente, são também mais sensíveis às vulnerabilidades

Leia mais

Segurança de Dados. Relatório de Segurança de Dados, Inteligência de Mercado

Segurança de Dados. Relatório de Segurança de Dados, Inteligência de Mercado Segurança de Dados Segurança de dados e sigilo de informações ainda é um tema longe de ser solucionado no Brasil e no Mundo. A cada novo dispositivo lançado, cada nova transação bancária ou a cada novo

Leia mais

Segurança Digital e Privacidade no sector bancário Desafios tecnológicos

Segurança Digital e Privacidade no sector bancário Desafios tecnológicos Segurança Digital e Privacidade no sector bancário Desafios tecnológicos Segurança Digital e Privacidade As organizações começam a apresentar uma crescente preocupação com a temática da segurança devido:

Leia mais

Riscos Globais para a Segurança TI

Riscos Globais para a Segurança TI Riscos Globais para a Segurança TI 2013 1 1. Introdução 2. Números a destacar 3. Principais ameaças e riscos 4. Segurança TI nas empresas 4.1 Implementação 4.2 Investimento 4.3 Planificação 4.4 Gestão

Leia mais

Panda Managed Office Protection. Mudar de um antivírus para uma solução de Segurança como um Serviço (SaaS)

Panda Managed Office Protection. Mudar de um antivírus para uma solução de Segurança como um Serviço (SaaS) Panda Managed Office Protection Mudar de um antivírus para uma solução de Segurança como um Serviço (SaaS) ÍNDICE PREOCUPAÇÕES SOBRE SEGURANÇA...3 Necessidades específicas de segurança das PMEs... 3 Os

Leia mais

KASPERSKY DDOS PROTECTION. Descubra como a Kaspersky Lab defende as empresas contra ataques DDoS

KASPERSKY DDOS PROTECTION. Descubra como a Kaspersky Lab defende as empresas contra ataques DDoS KASPERSKY DDOS PROTECTION Descubra como a Kaspersky Lab defende as empresas contra ataques DDoS OS CIBERCRIMINOSOS ESTÃO A ESCOLHER AS EMPRESAS COMO ALVO Se a sua empresa já tiver sofrido um ataque de

Leia mais

10 dicas para proteger o seu modem/router de ataques online

10 dicas para proteger o seu modem/router de ataques online 10 dicas para proteger o seu modem/router de ataques online Date : 9 de Outubro de 2015 Os ataques online e a cibersegurança são dos temas mais abordados, actualmente, quando se fala de Internet. Os perigos

Leia mais

Sobre o Symantec Internet Security Threat Report

Sobre o Symantec Internet Security Threat Report Sobre o Symantec Internet Security Threat Report O Symantec Internet Security Threat Report apresenta uma atualização semestral das atividades das ameaças na Internet. Nele se incluem as análises dos ataques

Leia mais

para Mac Guia de Inicialização Rápida

para Mac Guia de Inicialização Rápida para Mac Guia de Inicialização Rápida O ESET Cybersecurity fornece proteção de última geração para o seu computador contra código malicioso. Com base no ThreatSense, o primeiro mecanismo de verificação

Leia mais

ESET NOD32 Antivirus 4 para Linux Desktop. Guia de Inicialização Rápida

ESET NOD32 Antivirus 4 para Linux Desktop. Guia de Inicialização Rápida ESET NOD32 Antivirus 4 para Linux Desktop Guia de Inicialização Rápida O ESET NOD32 Antivirus 4 fornece proteção de última geração para o seu computador contra código malicioso. Com base no mecanismo de

Leia mais

Soluções de Gestão de Clientes e Impressão Universal

Soluções de Gestão de Clientes e Impressão Universal Soluções de Gestão de Clientes e Impressão Universal Manual do utilizador Copyright 2007 Hewlett-Packard Development Company, L.P. Windows é uma marca registada da Microsoft Corporation nos E.U.A. As informações

Leia mais

Informação Útil Já disponível o SP1 do Exchange Server 2003

Informação Útil Já disponível o SP1 do Exchange Server 2003 Novidades 4 Conheça as principais novidades do Internet Security & Acceleration Server 2004 Membro do Microsoft Windows Server System, o ISA Server 2004 é uma solução segura, fácil de utilizar e eficiente

Leia mais

ESET NOD32 ANTIVIRUS 6

ESET NOD32 ANTIVIRUS 6 ESET NOD32 ANTIVIRUS 6 Microsoft Windows 8 / 7 / Vista / XP / Home Server Guia de Inicialização Rápida Clique aqui para fazer download da versão mais recente deste documento O ESET NOD32 Antivirus fornece

Leia mais

ESET NOD32 ANTIVIRUS 8

ESET NOD32 ANTIVIRUS 8 ESET NOD32 ANTIVIRUS 8 Microsoft Windows 8.1 / 8 / 7 / Vista / XP / Home Server 2003 / Home Server 2011 Guia de Inicialização Rápida Clique aqui para fazer download da versão mais recente deste documento

Leia mais

ESET NOD32 ANTIVIRUS 9

ESET NOD32 ANTIVIRUS 9 ESET NOD32 ANTIVIRUS 9 Microsoft Windows 10 / 8.1 / 8 / 7 / Vista / XP Guia de Inicialização Rápida Clique aqui para fazer download da versão mais recente deste documento O ESET NOD32 Antivirus fornece

Leia mais

COMODO INTERNET SECURITY

COMODO INTERNET SECURITY COMODO INTERNET SECURITY PROTEÇÃO COMPLETA PARA O SEU COMPUTADOR COM ANTIVÍRUS, FIREWALL E VÁRIAS FERRAMENTAS DE SEGURANÇA Comodo Internet Security Premium é um aplicativo que reúne uma série de recursos

Leia mais

2015 Check Point Software Technologies Ltd. 1

2015 Check Point Software Technologies Ltd. 1 2015 Check Point Software Technologies Ltd. 1 Fontes de informação do 2015 Security Report: Mais de 16.000 Organizações 1.300 Relatórios Security Checkup 3.000 Gateways de segurança monitorados 1 Milhão

Leia mais

Impeça ataques de ameaças avançadas, identifique usuários de alto risco e controle ameaças internas

Impeça ataques de ameaças avançadas, identifique usuários de alto risco e controle ameaças internas TRITON AP-EMAIL Impeça ataques de ameaças avançadas, identifique usuários de alto risco e controle ameaças internas Desde iscas de engenharia social até phishing direcionado, a maioria dos ataques digitais

Leia mais

PARA EMPRESAS COM MAIS DE 25 EQUIPAMENTOS

PARA EMPRESAS COM MAIS DE 25 EQUIPAMENTOS PARA EMPRESAS COM MAIS DE 25 EQUIPAMENTOS ESET Business Solutions 1/7 Vamos supor que você tenha iniciado uma empresa ou que já tenha uma empresa bem estabelecida, há certas coisas que deveria esperar

Leia mais

Introducing KIS / KAV 2009

Introducing KIS / KAV 2009 Introducing KIS / KAV 2009 September 18 de Setembro 16, 2008de 2008 Copyright Copyright 2008. 2008. Todos All os Rights Direitos Reserved. Reservados. 1 Great market Acceptance A maior companhia privada

Leia mais

OBJETIVO DA POLÍTICA DE SEGURANÇA

OBJETIVO DA POLÍTICA DE SEGURANÇA POLÍTICA DE SEGURANÇA DIGITAL Wagner de Oliveira OBJETIVO DA POLÍTICA DE SEGURANÇA Hoje em dia a informação é um item dos mais valiosos das grandes Empresas. Banco do Brasil Conscientizar da necessidade

Leia mais

12 PREVISÕES DE SEGURANÇA PARA 2012

12 PREVISÕES DE SEGURANÇA PARA 2012 12 PREVISÕES DE SEGURANÇA PARA 2012 Todos os anos, eu me sento com meu time de pesquisadores e conversamos sobre o que o próximo ano trará em termos de ameaças para nossos clientes. É uma discussão importante.

Leia mais

Segurança e privacidade na era da mobilidade: riscos e desafios. Aldo Albuquerque aldo@tempest.com.br

Segurança e privacidade na era da mobilidade: riscos e desafios. Aldo Albuquerque aldo@tempest.com.br Segurança e privacidade na era da mobilidade: riscos e desafios Aldo Albuquerque aldo@tempest.com.br Aldo Albuquerque 20 anos de experiência na área de TI, 15 deles relacionados à segurança da informação

Leia mais

MALWARE. Spyware. Seguem algumas funcionalidades implementadas em spywares, que podem ter relação com o uso legítimo ou malicioso:

MALWARE. Spyware. Seguem algumas funcionalidades implementadas em spywares, que podem ter relação com o uso legítimo ou malicioso: MALWARE Spyware É o termo utilizado para se referir a uma grande categoria de software que tem o objetivo de monitorar atividades de um sistema e enviar as informações coletadas para terceiros. Seguem

Leia mais

Kaspersky Endpoint Security 10 para Windows Guía de administrador

Kaspersky Endpoint Security 10 para Windows Guía de administrador Kaspersky Endpoint Security 10 para Windows Guía de administrador VERSIÓN DE LA APLICACIÓN 10.0 Caro utilizador, Obrigado por escolher o nosso produto! Esperamos que esta documentação lhe seja útil e lhe

Leia mais

Fraud Prevention for Endpoints. www.kaspersky.com

Fraud Prevention for Endpoints. www.kaspersky.com Fraud Prevention for Endpoints www.kaspersky.com 2 Fraud Prevention for Endpoints KASPERSKY FRAUD PREVENTION 1. Formas de atacar o Banco O principal motivo por trás do crime virtual é fazer dinheiro, e

Leia mais

Desafios da Segurança na 3ª Plataforma Tecnológica

Desafios da Segurança na 3ª Plataforma Tecnológica Desafios da Segurança na 3ª Plataforma Tecnológica 1. Situação atual 2. Governação e riscos da segurança da informação 1. Tecnologias em utilização 2 Uma nova plataforma de inovação TI IDC Visit us at

Leia mais

Kaspersky DDoS Protection. Proteja a sua empresa contra perdas financeiras e de reputação com o Kaspersky DDoS Protection

Kaspersky DDoS Protection. Proteja a sua empresa contra perdas financeiras e de reputação com o Kaspersky DDoS Protection Kaspersky DDoS Protection Proteja a sua empresa contra perdas financeiras e de reputação Um ataque DDoS (Distributed Denial of Service, Negação de Serviço Distribuído) é uma das mais populares armas no

Leia mais

Instruções para aceder ao correio electrónico via web

Instruções para aceder ao correio electrónico via web Caro utilizador(a) Tendo por objectivo a melhoria constante das soluções disponibilizadas a toda a comunidade do Instituto Politécnico de Santarém, tanto ao nível de serviços de rede como sistema de informação.

Leia mais

Introdução. Pense em toda a informação pessoal que você tem armazenada no. seu computador, informação irrecuperável como fotos, documentos,

Introdução. Pense em toda a informação pessoal que você tem armazenada no. seu computador, informação irrecuperável como fotos, documentos, Guia de Backup Introdução Pense em toda a informação pessoal que você tem armazenada no seu computador, informação irrecuperável como fotos, documentos, apresentações, entre outras. Imagine que quando

Leia mais

Microsoft Windows 7 / Vista / XP / 2000 / Home Server. Guia de Inicialização Rápida

Microsoft Windows 7 / Vista / XP / 2000 / Home Server. Guia de Inicialização Rápida Microsoft Windows 7 / Vista / XP / 2000 / Home Server Guia de Inicialização Rápida O ESET Smart Security fornece proteção de última geração para o seu computador contra código malicioso. Com base no ThreatSense,

Leia mais

Relatório sobre Segurança da Informação nas Empresas RESULTADOS DA AMÉRICA LATINA

Relatório sobre Segurança da Informação nas Empresas RESULTADOS DA AMÉRICA LATINA 2011 Relatório sobre Segurança da Informação nas Empresas RESULTADOS DA AMÉRICA LATINA SUMÁRIO Introdução... 4 Metodologia... 6 Resultado 1: Cibersegurança é importante para os negócios... 8 Resultado

Leia mais

Kaspersky Internet Security for Mac Manual de utilizador

Kaspersky Internet Security for Mac Manual de utilizador Kaspersky Internet Security for Mac Manual de utilizador VERSÃO DA APLICAÇÃO: 15.0 Caro Utilizador! Obrigado por ter escolhido o nosso produto. Esperamos que esta documentação lhe seja útil no seu trabalho

Leia mais

FACULDADES INTEGRADAS PROMOVE DE BRASÍLIA PROJETO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA

FACULDADES INTEGRADAS PROMOVE DE BRASÍLIA PROJETO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA FACULDADES INTEGRADAS PROMOVE DE BRASÍLIA PROJETO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA SOLUÇÃO SISTÊMICA BASEADA EM CÓDIGO ABERTO PARA DEFESA E MITIGAÇÃO DE ATAQUES À APLICAÇÕES WEB. DANIEL ALMEIDA DE PAULA BRASÍLIA

Leia mais

Kaspersky Security for Business

Kaspersky Security for Business Kaspersky Security for Business Programa de licenças Renovações e actualizações: Guia de migração Apresentação do programa de licenças do software Kaspersky Security for Business. O mais recente produto

Leia mais

Aula 03 Malware (Parte 01) Visão Geral. Prof. Paulo A. Neukamp

Aula 03 Malware (Parte 01) Visão Geral. Prof. Paulo A. Neukamp Aula 03 Malware (Parte 01) Visão Geral Prof. Paulo A. Neukamp Mallware (Parte 01) Objetivo: Descrever de maneira introdutória o funcionamento de códigos maliciosos e os seus respectivos impactos. Agenda

Leia mais

Segurança + Conformidade. Dentro do Prazo e Orçamento Previsto Sob Demanda

Segurança + Conformidade. Dentro do Prazo e Orçamento Previsto Sob Demanda Segurança + Conformidade Dentro do Prazo e Orçamento Previsto Sob Demanda Segurança e Conformidade via Software-as-a-Service (SaaS) Hoje em dia, é essencial para as empresas administrarem riscos de segurança

Leia mais

SEGURANÇA INFORMÁTICA SOLUÇÕES DE SEGURANÇA

SEGURANÇA INFORMÁTICA SOLUÇÕES DE SEGURANÇA SEGURANÇA INFORMÁTICA Segurança Informática 1. O que é Segurança Informática 2. Garantia Alidata 3. Ameaças 4. Computadores e Servidores 5. Firewall e Antivírus 6. Backup e Storage 7. Videovigilância 8.

Leia mais

Licenciatura em Eng.ª Informática Complementos de Redes - 3º Ano - 2º Semestre. Trabalho Nº 4 - VoIP

Licenciatura em Eng.ª Informática Complementos de Redes - 3º Ano - 2º Semestre. Trabalho Nº 4 - VoIP Trabalho Nº 4 - VoIP 1. Introdução A utilização de tecnologia VoIP como alternativa às redes telefónicas tradicionais está a ganhar cada vez mais a aceitação junto dos utilizadores, e está sobretudo em

Leia mais

Kaspersky Anti virus V6.0 Nova geração de produtos de Segurança

Kaspersky Anti virus V6.0 Nova geração de produtos de Segurança Kaspersky Anti virus V6.0 Nova geração de produtos de Segurança Raúl Oliveira Director Geral da iportalmais Versão 6.0: Estratégia do Produto Equilíbrio Equilíbrio óptimo entre desempenho e qualidade do

Leia mais

Estado da Nação das TIC em Angola

Estado da Nação das TIC em Angola Estado da Nação das TIC em Angola CIO AGENDA ANGOLA 2013 AS TI TI COMO ALAVANCA DE CRESCIMENTO DO NEGÓCIO 21 de Maio, Hotel Sana Epic, Luanda Gabriel Coimbra General Manager, IDC Angola gcoimbra@idc.com

Leia mais

Visão Geral. Treinamento Canais Network 1. Carlos Baleeiro Gerente de Contas Corporativo, Brasil carlos.baleeiro@kaspersky.com

Visão Geral. Treinamento Canais Network 1. Carlos Baleeiro Gerente de Contas Corporativo, Brasil carlos.baleeiro@kaspersky.com Visão Geral Treinamento Canais Network 1 Carlos Baleeiro Gerente de Contas Corporativo, Brasil carlos.baleeiro@kaspersky.com Agenda Porque Kaspersky? Reconhecimento do Mercado. Quem é a Kaspersky? Os desafios

Leia mais

KASPERSKY SECURITY FOR BUSINESS

KASPERSKY SECURITY FOR BUSINESS KASPERSKY SECURITY FOR BUSINESS Programa de licenças RENOVAÇÕES E ACTUALIZAÇÕES: Guia de migração APRESENTAÇÃO DO PROGRAMA DE LICENÇAS DO SOFTWARE KASPERSKY SECURITY FOR BUSINESS. O mais recente produto

Leia mais

Indústria de Cartão de Pagamento (PCI)

Indústria de Cartão de Pagamento (PCI) Indústria de Cartão de Pagamento (PCI) Procedimentos para Scanning de Segurança Administração de Risco Região América Latina e Caribe Indústria de Cartão de Pagamento Procedimentos para Scanning de Segurança

Leia mais

Segurança no Computador

Segurança no Computador Segurança no Computador Segurança na Internet: Módulo 1 (CC Entre Mar E Serra), 2008 Segurança na Internet, CC Entre Mar E Serra 1 Segurança no Computador Um computador (ou sistema computacional) é dito

Leia mais

Fraudes via Internet Estatísticas e Tendências Cristine Hoepers cristine@cert.br

Fraudes via Internet Estatísticas e Tendências Cristine Hoepers cristine@cert.br Fraudes via Internet Estatísticas e Tendências Cristine Hoepers cristine@cert.br Centro de Estudos, Resposta e Tratamento de Incidentes de Segurança no Brasil Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto

Leia mais

Fortaleza Digital. Aker FIREWALL UTM. Sua empresa mais forte com uma solução completa de segurança digital.

Fortaleza Digital. Aker FIREWALL UTM. Sua empresa mais forte com uma solução completa de segurança digital. Aker FIREWALL UTM Fortaleza Digital Sua empresa mais forte com uma solução completa de segurança digital. Ideal para o ambiente corporativo, com o Aker Firewall UTM você tem o controle total das informações

Leia mais

ALVOS EM MOVIMENTO Organizações Consumidores

ALVOS EM MOVIMENTO Organizações Consumidores ALVOS EM MOVIMENTO Os dispositivos móveis têm um papel fundamental na conectividade e na produtividade. Porém, eles também introduzem novos riscos nos negócios: somente nos últimos 12 meses, 51% das organizações

Leia mais

Soluções em Segurança

Soluções em Segurança Desafios das empresas no que se refere a segurança da infraestrutura de TI Dificuldade de entender os riscos aos quais a empresa está exposta na internet Risco de problemas gerados por ameaças externas

Leia mais

RELATÓRIO SOBRE AS TENDÊNCIAS DO ATAQUE DISTRIBUÍDO DE NEGAÇÃO DE SERVIÇO DA VERISIGN 1A EDIÇÃO - 1O TRIMESTRE DE 2014

RELATÓRIO SOBRE AS TENDÊNCIAS DO ATAQUE DISTRIBUÍDO DE NEGAÇÃO DE SERVIÇO DA VERISIGN 1A EDIÇÃO - 1O TRIMESTRE DE 2014 RELATÓRIO SOBRE AS TENDÊNCIAS DO ATAQUE DISTRIBUÍDO DE NEGAÇÃO DE SERVIÇO DA VERISIGN 1A EDIÇÃO - 1O TRIMESTRE DE 214 RESUMO EXECUTIVO Este relatório contém as observações e conhecimentos derivados de

Leia mais

Proteção no Ciberespaço da Rede UFBA. CPD - Divisão de Suporte Yuri Alexandro yuri.alexandro@ufba.br

Proteção no Ciberespaço da Rede UFBA. CPD - Divisão de Suporte Yuri Alexandro yuri.alexandro@ufba.br Proteção no Ciberespaço da Rede UFBA CPD - Divisão de Suporte Yuri Alexandro yuri.alexandro@ufba.br Agenda Segurança o que é? Informação o que é? E Segurança da Informação? Segurança da Informação na UFBA

Leia mais

Apresentação Pública do Estudo 24 de Junho de 2009 Forte S. Julião da Barra, Oeiras

Apresentação Pública do Estudo 24 de Junho de 2009 Forte S. Julião da Barra, Oeiras Apresentação Pública do Estudo As TIC s Para Um Mundo Mais Seguro 24 de Junho de 2009 Forte S. Julião da Barra, Oeiras As TIC s Para um Mundo Mais Seguro Mário do Carmo Durão Patrocinadores Principais

Leia mais

Cisco ASA com FirePOWER. 2014 Cisco and/or its affiliates. All rights reserved. 1 2014 Cisco and/or its affiliates. All rights reserved.

Cisco ASA com FirePOWER. 2014 Cisco and/or its affiliates. All rights reserved. 1 2014 Cisco and/or its affiliates. All rights reserved. Cisco ASA com FirePOWER 2014 Cisco and/or its affiliates. All rights reserved. 1 2014 Cisco and/or its affiliates. All rights reserved. 1 Apresentamos o Cisco ASA com FirePOWER Primeiro Firewall da Indústria

Leia mais

TRITON AP-EMAIL IMPEÇA ATAQUES DE AMEAÇAS AVANÇADAS, IDENTIFIQUE USUÁRIOS DE ALTO RISCO E CONTROLE AMEAÇAS INTERNAS

TRITON AP-EMAIL IMPEÇA ATAQUES DE AMEAÇAS AVANÇADAS, IDENTIFIQUE USUÁRIOS DE ALTO RISCO E CONTROLE AMEAÇAS INTERNAS TRITON AP-EMAIL IMPEÇA ATAQUES DE AMEAÇAS AVANÇADAS, IDENTIFIQUE USUÁRIOS DE ALTO RISCO E CONTROLE AMEAÇAS INTERNAS TRITON AP-EMAIL IMPEÇA ATAQUES DE AMEAÇAS AVANÇADAS, IDENTIFIQUE USUÁRIOS DE ALTO RISCO

Leia mais

PARA MAC. Guia de Inicialização Rápida. Clique aqui para fazer o download da versão mais recente deste documento

PARA MAC. Guia de Inicialização Rápida. Clique aqui para fazer o download da versão mais recente deste documento PARA MAC Guia de Inicialização Rápida Clique aqui para fazer o download da versão mais recente deste documento ESET Cyber Security fornece proteção de última geração para seu computador contra código mal-intencionado.

Leia mais

O GUIA PRÁTICO DAS REDES LOCAIS E WIRELESS

O GUIA PRÁTICO DAS REDES LOCAIS E WIRELESS ANTÓNIO EDUARDO MARQUES O GUIA PRÁTICO DAS REDES LOCAIS E WIRELESS Portugal/2007 Reservados todos os direitos por Centro Atlântico, Lda. Qualquer reprodução, incluindo fotocópia, só pode ser feita com

Leia mais

Office 2010 e SharePoint 2010: Produtividade Empresarial no Seu Melhor. Folha de Factos

Office 2010 e SharePoint 2010: Produtividade Empresarial no Seu Melhor. Folha de Factos Office 2010 e SharePoint 2010: Produtividade Empresarial no Seu Melhor Folha de Factos A informação contida neste documento representa a visão actual da Microsoft Corporation sobre os assuntos discutidos,

Leia mais

Tecnologias de Informação

Tecnologias de Informação : a) Conceito b) Equipamentos c) Aplicações Criptografia, Redes de Computadores e Internet Recordar: TI; Hardware; Software; Redes de computadores; Computadores e redes de computadores ligados (Internet).

Leia mais

Guia de Segurança em Redes Sociais

Guia de Segurança em Redes Sociais Guia de Segurança em Redes Sociais INTRODUÇÃO As redes sociais são parte do cotidiano de navegação dos usuários. A maioria dos internautas utiliza ao menos uma rede social e muitos deles participam ativamente

Leia mais

SOLO NETWORK. Guia de Segurança em Redes Sociais

SOLO NETWORK. Guia de Segurança em Redes Sociais (11) 4062-6971 (21) 4062-6971 (31) 4062-6971 (41) 4062-6971 (48) 4062-6971 (51) 4062-6971 (61) 4062-6971 (71) 4062-7479 Guia de Segurança em Redes Sociais (11) 4062-6971 (21) 4062-6971 (31) 4062-6971 (41)

Leia mais

IP Communications Platform

IP Communications Platform IP Communications Platform A Promessa de Convergência, Cumprida As comunicações são essenciais para os negócios mas, em última análise, estas são conduzidas a nível pessoal no ambiente de trabalho e por

Leia mais

Rumo à Integração de Segurança. IDC FutureScape IT Security Products and Services 2015 Predictions

Rumo à Integração de Segurança. IDC FutureScape IT Security Products and Services 2015 Predictions Rumo à Integração de IDC FutureScape IT Security Products and Services 0 Predictions ª Plataforma Processo de Decisão Evolução da ª Plataforma focalizada no risco do acesso a servidores centralizados e

Leia mais

A segurança da sua informação e do computador é fundamental e depende muito de si.

A segurança da sua informação e do computador é fundamental e depende muito de si. Proteja o seu PC A segurança da sua informação e do computador é fundamental e depende muito de si. O que deve fazer? Manter o antivírus actualizado Não manter o antivírus actualizado é quase o mesmo que

Leia mais

TALENTEDGE. Ofertas diversificadas QUEM SOMOS

TALENTEDGE. Ofertas diversificadas QUEM SOMOS TALENTEDGE QUEM SOMOS A C.T.I.C., Colégio de Tecnologias de informação e Comunicação representa a marca TALENTEDGE em Angola. A TALENTEDGE Angola é o resultado de uma franchise com a TALENTEDGE Índia,

Leia mais

Descrição do serviço Serviço de Rastreio e Recuperação de Computadores Portáteis e Serviço de Eliminação Remota de Dados

Descrição do serviço Serviço de Rastreio e Recuperação de Computadores Portáteis e Serviço de Eliminação Remota de Dados Descrição do serviço Serviço de Rastreio e Recuperação de Computadores Portáteis e Serviço de Eliminação Remota de Dados Apresentação do serviço A Dell tem o prazer de fornecer o Serviço de rastreio e

Leia mais

ESET Soluções de Segurança para a sua empresa

ESET Soluções de Segurança para a sua empresa ESET Soluções de Segurança para a sua empresa Apresentando a ESET Fundada em 1992 Líder na indústria de detecção proativa Escritórios centrais na Eslováquia e Estados Unidos Escritórios na América Latina

Leia mais

10 VANTAGENS QUE APENAS UMA SOLUÇÃO DE SEGURANÇA DE PLATAFORMA INTEGRADA PODE OFERECER

10 VANTAGENS QUE APENAS UMA SOLUÇÃO DE SEGURANÇA DE PLATAFORMA INTEGRADA PODE OFERECER SE NÃO É O KASPERSKY ENDPOINT SECURITY FOR BUSINESS, NÃO É UMA PLATAFORMA DE PROTEÇÃO DE TERMINAIS 10 VANTAGENS QUE APENAS UMA SOLUÇÃO DE SEGURANÇA DE PLATAFORMA INTEGRADA PODE OFERECER O Relatório global

Leia mais

O elo mais fraco. Parte I

O elo mais fraco. Parte I O elo mais fraco A segurança da informação nas empresas é sem dúvida um tema que começa a merecer cada vez mais atenção. Os responsáveis dos departamentos de informática e as empresas que desenvolvem actividade

Leia mais

Segurança Operacional na EDP; porque importa vigiar a segurança da infra-estrutura IT

Segurança Operacional na EDP; porque importa vigiar a segurança da infra-estrutura IT Segurança Operacional na EDP; porque importa vigiar a segurança da infra-estrutura IT Direção de Sistemas de Informação 30 de Janeiro, 2013 Contexto da Segurança na EDP 2 O contexto da Segurança na EDP

Leia mais

Lexmark Print Management

Lexmark Print Management Lexmark Print Management O Lexmark Print Management permite-lhe optimizar a impressão em rede e criar uma vantagem informativa com uma solução que pode ser implementada localmente ou através da nuvem.

Leia mais

SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO PARTE 2

SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO PARTE 2 SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO PARTE 2 Segurança da Informação A segurança da informação busca reduzir os riscos de vazamentos, fraudes, erros, uso indevido, sabotagens, paralisações, roubo de informações ou

Leia mais

NETWORK SECURITY. Necessidade de Segurança. Definição de Segurança. Definição de Bens. Definição de Bens. Princípios para proteger uma rede

NETWORK SECURITY. Necessidade de Segurança. Definição de Segurança. Definição de Bens. Definição de Bens. Princípios para proteger uma rede Necessidade de Segurança NETWORK SECURITY O propósito das redes é o de partilhar recursos, no entanto haverá sempre o risco desses recursos serem acedidos por pessoal não autorizado. Princípios para proteger

Leia mais

Evolução Tecnológica e a Segurança na Rede

Evolução Tecnológica e a Segurança na Rede Evolução Tecnológica e a Segurança na Rede Miriam von Zuben miriam@cert.br! Centro de Estudos, Resposta e Tratamento de Incidentes de Segurança no Brasill Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto br

Leia mais

FUTUROS RISCOS: ESTEJA PREPARADO. Relatório especial sobre estratégias de mitigação de ameaças avançadas. kaspersky.com/pt/enterprise #EnterpriseSec

FUTUROS RISCOS: ESTEJA PREPARADO. Relatório especial sobre estratégias de mitigação de ameaças avançadas. kaspersky.com/pt/enterprise #EnterpriseSec O PODER DA PROTEÇÃO FUTUROS RISCOS: ESTEJA PREPARADO Relatório especial sobre estratégias de mitigação de ameaças avançadas kaspersky.com/pt/enterprise #EnterpriseSec ÍNDICE Ameaças persistentes avançadas

Leia mais

Antivírus. Trabalho elaborado por. Ana Ferreira. Patricia Ferreira

Antivírus. Trabalho elaborado por. Ana Ferreira. Patricia Ferreira Antivírus Trabalho elaborado por Ana Ferreira Patricia Ferreira Índice O que são... 3 Para que servem?... 3 Dicas De Segurança: Antivírus Pagos Ou Gratuitos?... 4 Como se faz a instalação do antivírus?

Leia mais

Protege contra malware novo e malware com base em exploits

Protege contra malware novo e malware com base em exploits A poderosa defesa multicamadas oferece uma proteção inteligente do ponto de extremidade. Protege contra malware novo e malware com base em exploits Adquira Malwarebytes Anti-Malware for Business e Malwarebytes

Leia mais

Segurança na Internet. Disciplina: Informática Prof. Higor Morais

Segurança na Internet. Disciplina: Informática Prof. Higor Morais Segurança na Internet Disciplina: Informática Prof. Higor Morais 1 Agenda Segurança de Computadores Senhas Engenharia Social Vulnerabilidade Códigos Maliciosos Negação de Serviço 2 Segurança de Computadores

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO AMBIENTAL

SISTEMA DE GESTÃO AMBIENTAL Automatização do processo de Controlo Ambiental Auto-controlo ambiental Sendo a Indústria que detém fontes poluidoras (Cimenteiras, Produção de energia, Incineradoras, etc.), uma das mais intervenientes

Leia mais

Informação: o principal ativo de um negócio

Informação: o principal ativo de um negócio WHITE PAPER Informação: o principal ativo de um negócio Gestão de dados se tornou ponto crucial para sobrevivência das instituições, mas poucas ainda mantêm programa de treinamento em segurança. Fiscalização

Leia mais

Descomplicando Tecnologia

Descomplicando Tecnologia Descomplicando Tecnologia PROPÓSITO DESTE EBOOK Notamos que muitas pessoas tem sofrido com situações de fácil solução, envolvendo a lentidão e segurança de seus computadores e smartphones, a idéia deste

Leia mais

Ferramenta de Comunicações

Ferramenta de Comunicações Ferramenta de Comunicações Índice SEGURANÇA INFORMÁTICA Objetivos da segurança informática Implementação de uma política de segurança GFI LANGUARD Como funciona Modos de instalação Funcionalidades Correção

Leia mais

2011 012 Pta e t s e o qui f Mo sa s b o i b lre Sur e a Sivte uyação da Mobilidade

2011 012 Pta e t s e o qui f Mo sa s b o i b lre Sur e a Sivte uyação da Mobilidade 2012 2011 Pesquisa State of Mobile sobre a Survey Situação da Mobilidade Resultados do Brasil Copyright 2012 Symantec Corporation. Todos os direitos reservados. Symantec, o logo Symantec e o logo Checkmark

Leia mais

O MOTIVO PELO QUAL A COMPLEXIDADE É O PIOR INIMIGO DA SEGURANÇA DE IT

O MOTIVO PELO QUAL A COMPLEXIDADE É O PIOR INIMIGO DA SEGURANÇA DE IT O MOTIVO PELO QUAL A COMPLEXIDADE É O PIOR INIMIGO DA SEGURANÇA DE IT Um livro branco onde se analisa como a complexidade está a criar novos desafios de segurança e a melhor forma de responder a esta situação.

Leia mais