PERSPECTIVAS DE GESTÃO ESCOLAR NA EDUCAÇÃO INFANTIL: ARTICULAÇÃO ENTRE O ADMINISTRATIVO E O PEDAGÓGICO

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PERSPECTIVAS DE GESTÃO ESCOLAR NA EDUCAÇÃO INFANTIL: ARTICULAÇÃO ENTRE O ADMINISTRATIVO E O PEDAGÓGICO"

Transcrição

1 1 PERSPECTIVAS DE GESTÃO ESCOLAR NA EDUCAÇÃO INFANTIL: ARTICULAÇÃO ENTRE O ADMINISTRATIVO E O PEDAGÓGICO Formação e Gestão em Processos Educativos Soênia Maria Fernandes Introdução O presente trabalho pretende apresentar o projeto de uma pesquisa em andamento do programa de Mestrado em Educação da Universidade do Extremo Sul Catarinense UNESC. O estudo visa pesquisar algumas práticas de gestão em contextos de Educação Infantil e como os gestores lidam com as atribuições pedagógicas e administrativas. Com o objeto de pesquisa preliminarmente definido, iniciou-se uma busca de trabalhos de dissertações e teses publicados no Brasil. Após um refinamento dos trabalhos encontrados e relacionados ao tema, pode-se constatar que em nível nacional o tema gestão escolar na Educação Infantil, na perspectiva do fazer administrativo e do fazer pedagógico, apontaram um número bem restrito de trabalhos (apenas dois registros), e em Criciúma e região não houve nenhum registro. Portanto, além de meu interesse pessoal e profissional, justifica-se também o interesse acadêmico em produzir novos conhecimentos nesta área. A pesquisa dos estudos antecedentes fortaleceu a proposta de estudo e possibilitou a definição do problema, ficando assim estabelecido: Qual é o lugar do pedagógico na gestão dos CEMIs de Criciúma? A partir desse problema, objetiva-se compreender o lugar do pedagógico na gestão escolar dos CEIMs. Dispõem-se desta forma, os seguintes objetivos específicos: i) Identificar nos documentos oficiais (que dispõem sobre as atribuições da equipe gestora dos CEIMs) como o pedagógico se revela, ii) Identificar as atribuições básicas da equipe gestora na visão de seus representantes e professores, relacionando-as e iii)

2 2 Comparar a visão da equipe gestora e professores com o discurso dos documentos oficiais. Basicamente o referencial teórico constituir-se-á da seguinte forma: Educação Infantil no Brasil: histórico teórico e legal De acordo com o tema, será necessária uma contextualização histórica e legal sobre a institucionalização da Educação Infantil no Brasil e no município de Criciúma, as concepções de infância, os objetivos e o papel da Educação Infantil. A princípio serão utilizados: Bujes (2001), Corsino (2009) e Kramer (2009). Concepções de Gestão As concepções de gestão escolar serão abordadas por meio da fundamentação teórica de Libâneo (2001) e Lima (2007) os quais trazem considerações pertinentes sobre práticas de gestão escolar. Paro (2003) traz uma reflexão crítica sobre as determinações econômicas e sociais que envolvem a administração escolar, apontando caminhos por meio da educação, para uma possível transformação social. Por fim, Lück (2008) versa sobre as diversas funções e competências do gestor escolar, apresentando algumas orientações sobre essa função. Gestão democrática e qualidade de ensino Ao se tratar do assunto gestão escolar democrática e qualidade ensino, novamente Paro (2010, 2007, e 2001) é utilizado para o estudo, pois desenvolveu pesquisas realizadas no interior de escolas públicas. Da Hora (2010) e Cóssio et al (2010) comungam das ideias de Paro, quando argumentam que para uma melhoria na qualidade de ensino, os modelos de gestão não devem estar dissociados do processo de democracia. O gestor escolar da Educação Infantil: articulação entre o pedagógico e administrativo

3 3 Para discorrer sobre a construção do perfil de gestor escolar da Educação Infantil, buscar-se-á em Bauman (2005) e Woodward (2000) concepções sobre formação de identidades, as pluralidades contemporâneas, afetadas, sobretudo pelo capitalismo. Freire (1996) discorre sobre os saberes necessários para os profissionais que atuam na educação. Ferreira (2003) e Kramer (2005) têm servido de aporte teórico para discorrer sobre a formação dos profissionais que atuam na Educação Infantil e as políticas educacionais da gestão escolar. Paro (2001) versa sobre as práticas políticas e administrativas da gestão escolar, sobre as atribuições exercidas pelo gestor, e sobre a importância desse profissional para acompanhar o trabalho pedagógico desenvolvido na escola. Além dos autores citados acima, como fundamentação teórica (também serão utilizados alguns documentos publicados pelo Ministério de Educação. A saber: Parâmetros Nacionais de Qualidade para a Educação Infantil (2006), Plano Nacional de Educação (2014), Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Infantil (2001), Referenciais Curriculares Nacionais para a Educação Infantil (1999), Lei de Diretrizes e Bases da Educação (2013) e Critérios para um atendimento em creches que respeite os direitos fundamentais das crianças (1995), Regimento Único das Unidades de Ensino da Rede Municipal de Educação de Criciúma Plano Municipal de Educação e a Lei n que institui a Educação Infantil no município de Criciúma. Metodologia Optou-se pela pesquisa qualitativa de cunho descritivo, entendendo que esta abordagem busca analisar os fatos de maneira descritiva e interpretativa, e viabilizará atingir os objetivos levantados. Os instrumentos de coleta de dados que melhor viabilizarão a elucidação do problema serão a análise documental e a entrevista semiestruturada. De acordo com critério de agrupamento, os sujeitos da pesquisa serão a equipe de gestoras (diretora e auxiliar (es) de direção) e as professoras (que representarão os segmentos de creche e pré-escola).

4 4 Para identificar nos documentos o que esses apresentam sobre as atribuições da equipe gestora dos CEIMs, e como o pedagógico se revela nessas ações, serão analisados o Regimento Único das Unidades de Ensino da Rede Municipal de Educação de Criciúma (CRICIÚMA, 2003) e o Projeto Político Pedagógico das unidades pesquisadas. A análise documental, também possibilitará uma comparação sobre o olhar da equipe gestoras em relação ao lugar do pedagógico na gestão escolar e o discurso presente dos documentos oficiais. Considerações Finais Por se tratar de uma pesquisa ainda em andamento, os resultados verificados até o momento não são conclusivos, mas já é possível afirmar, que, atualmente, a gestão escolar da escola pública ainda carrega princípios de gestão empresarial. As atividades administrativas estão em detrimento das atribuições pedagógicas. Essas atribuições técnico-burocráticas, que deveriam ser apenas um meio para chegar-se ao fim, ainda são mais priorizadas na gestão escolar e, isso ocorre frequentemente pelo acúmulo de funções que o gestor exerce. Referências BARDIN, Laurence. Análise de Conteúdo. Lisboa, Portugal; Edições 70, LDA, BAUMAN, Zygmunt. Identidade: entrevista a Benedeto Vechi. Trad. Carlos Alberto Medeiros. Rio de Janeiro, Ministério da Educação e Cultura. Secretaria de Educação Fundamental. Coordenadoria de Educação Infantil. Critérios para um atendimento em creches que respeite os direitos fundamentais das crianças. Brasília, DF; MEC/SEF/COEDI, BUJES, Maria Isabel Edelweiss. Escola Infantil: Pra que te Quero? In: CRAIDY, Carmem Maria; CORSINO, Patricia (Org.). Educação Infantil: cotidiano e políticas. Campinas, SP: Autores Associados, CÓSSIO, Maria de F. HYPÓLYTO, Alvaro M.; LEITE, Maria C. L., et al. Gestão educacional e reinvenção da democracia: questões sobre regulação e emancipação. Revista Brasileira de política e Administração da Educação, RBPAE, v. 26, n.2, mai/ago., p , 2010.

5 5 FREIRE, Paulo. Pedagogia da Autonomia. Saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e Terra, KRAMER, S. (Org.). Infância e Educação Infantil. Campinas: Papirus, Sônia (Org.). Profissionais da Educação Infantil: gestão e formação. São Paulo: Ática, 2005 LIBÂNEO, José Carlos. Organização e gestão da escola: teoria e prática. 5. Ed. Revista e ampliada Goiânia: Editora Alternativa, LÜCK, Heloisa. Dimensões da Gestão Escolar e suas Competências. Curitiba: Positivo, PARO, Vitor Henrique. Gestão democrática na escola pública. São Paulo: Ática, Vitor Henrique. Gestão escolar, democracia e qualidade do ensino. São Paulo: Ática, Vitor Henrique. Administração Escolar: introdução critica. 12. ed.- São Paulo: Cortez, 2003.

Semestre letivo/ Módulo 4º semestre. Curso: Pedagogia Componente Curricular: Gestão Escolar Carga Horária: 50 horas.

Semestre letivo/ Módulo 4º semestre. Curso: Pedagogia Componente Curricular: Gestão Escolar Carga Horária: 50 horas. FACULDADE SUMARÉ PLANO DE ENSINO Curso: Pedagogia Componente Curricular: Gestão Escolar Carga Horária: 50 horas Semestre letivo/ Módulo 4º semestre Professor(es): Período: 1º Semestre / 2015 Ementa Reflexão

Leia mais

TÍTULO: OS DESAFIOS DA GESTÃO DEMOCRÁTICA NAS ESCOLAS PÚBLICAS DA REGIÃO MÉDIO PARAÍBA

TÍTULO: OS DESAFIOS DA GESTÃO DEMOCRÁTICA NAS ESCOLAS PÚBLICAS DA REGIÃO MÉDIO PARAÍBA TÍTULO: OS DESAFIOS DA GESTÃO DEMOCRÁTICA NAS ESCOLAS PÚBLICAS DA REGIÃO MÉDIO PARAÍBA CATEGORIA: EM ANDAMENTO ÁREA: CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS SUBÁREA: PEDAGOGIA INSTITUIÇÃO: CENTRO UNIVERSITÁRIO GERALDO

Leia mais

- Identificar as formas de gestão e de tomadas de decisão dentro da organização escolar

- Identificar as formas de gestão e de tomadas de decisão dentro da organização escolar Disciplina: Gestão e Organização Escolar Código da Disciplina: EDU336 Curso: Pedagogia Período: 6º Faculdade Responsável: Pedagogia Programa em vigência a partir de: 2015 Número de créditos: 05 Horas-aula:

Leia mais

GESTÃO EDUCACIONAL: PRÁTICAS ADMINISTRATIVAS DOS GESTORES NA REDE MUNICIPAL

GESTÃO EDUCACIONAL: PRÁTICAS ADMINISTRATIVAS DOS GESTORES NA REDE MUNICIPAL GESTÃO EDUCACIONAL: PRÁTICAS ADMINISTRATIVAS DOS GESTORES NA REDE MUNICIPAL Maria de Fátima Pereira Lima Araújo Especialização em Gestão da Educação Municipal Programa de Apoio aos Dirigentes Municipais

Leia mais

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓGICO Carga Horária Semestral: 40 Semestre do Curso: 7º

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓGICO Carga Horária Semestral: 40 Semestre do Curso: 7º PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓGICO 2010 Curso: Pedagogia Disciplina: Gestão Escolar IV Carga Horária Semestral: 40 Semestre do Curso: 7º 1 - Ementa (sumário, resumo) Dimensões da participação: política,

Leia mais

Objetivo Geral: Objetivos Específicos:

Objetivo Geral: Objetivos Específicos: Disciplina: Gestão e Organização do Trabalho Pedagógico Código da disciplina: EDU 339 Semestre de oferta da disciplina: 7º Faculdade responsável: Pedagogia Programa em vigência a partir de: 2015 Número

Leia mais

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010 PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010 Curso: Pedagogia Disciplina: Gestão Escolar I Carga Horária Semestral: 40 horas Semestre do Curso: 4º 1 - Ementa (sumário, resumo) Evolução e tendências da administração

Leia mais

UMA ANÁLISE SOBRE A GESTÃO DEMOCRÁTICA EM COLÉGIOS ESTADUAIS DE APUCARANA

UMA ANÁLISE SOBRE A GESTÃO DEMOCRÁTICA EM COLÉGIOS ESTADUAIS DE APUCARANA UMA ANÁLISE SOBRE A GESTÃO DEMOCRÁTICA EM COLÉGIOS ESTADUAIS DE APUCARANA SANTOS, T.S.; BOLONHEZI,C.S.S. RESUMO O presente trabalho trata-se de um estudo, uma análise sobre a gestão democrática, bem como

Leia mais

PROGRAMA DE DISCIPLINA

PROGRAMA DE DISCIPLINA PROGRAMA DE DISCIPLINA Disciplina: Avaliação Educacional Código da Disciplina: EDU 340 Curso: Pedagogia Semestre de oferta da disciplina: 7º Faculdade responsável: Pedagogia Programa em vigência a partir

Leia mais

PROGRAMA DE DISCIPLINA

PROGRAMA DE DISCIPLINA DIVISÃO DE ASSUNTOS ACADÊMICOS Secretaria Geral de Cursos PROGRAMA DE DISCIPLINA DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO CÓDIGO: EDU519 DISCIPLINA: PRATICA EDUCATIVA I - DIDÀTICA CARGA HORÁRIA: 75h EMENTA: OBJETIVOS:

Leia mais

EMENTA DA DISCIPLINA. Tópico Especial: INCLUSÃO EDUCACIONAL DE PESSOAS COM DEFICIÊNCIA, GESTÃO E PROCESSOS TECNOLÓGICOS GTE040

EMENTA DA DISCIPLINA. Tópico Especial: INCLUSÃO EDUCACIONAL DE PESSOAS COM DEFICIÊNCIA, GESTÃO E PROCESSOS TECNOLÓGICOS GTE040 EMENTA DA DISCIPLINA Tópico Especial: INCLUSÃO EDUCACIONAL DE PESSOAS COM DEFICIÊNCIA, GESTÃO E PROCESSOS TECNOLÓGICOS GTE040 Professor (a): Cláudia Paranhos de Jesus Portela Créditos: 03 Carga Horária:

Leia mais

A ESCOLA ATUAL, A GESTÃO DEMOCRÁTICA E O PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO

A ESCOLA ATUAL, A GESTÃO DEMOCRÁTICA E O PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO A ESCOLA ATUAL, A GESTÃO DEMOCRÁTICA E O PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO Josemary Morastoni Renato José Casagrande Atualmente, a gestão é vista como uma nova forma de administrar de maneira democrática, onde

Leia mais

O PAPEL DA GESTÃO DEMOCRÁTICA NA INSTITUIÇÃO ESCOLAR: UM ESTUDO DE CASO REALIZADO EM DUAS ESCOLAS PÚBLICAS DA CIDADE DE PARNAÍBA-PI

O PAPEL DA GESTÃO DEMOCRÁTICA NA INSTITUIÇÃO ESCOLAR: UM ESTUDO DE CASO REALIZADO EM DUAS ESCOLAS PÚBLICAS DA CIDADE DE PARNAÍBA-PI O PAPEL DA GESTÃO DEMOCRÁTICA NA INSTITUIÇÃO ESCOLAR: UM ESTUDO DE CASO REALIZADO EM DUAS ESCOLAS PÚBLICAS DA CIDADE DE PARNAÍBA-PI Francisca Natalia Neres da Silva ¹, Andréia Cristina Sousa Oliveira ²,

Leia mais

Plano de Ensino Docente

Plano de Ensino Docente Plano de Ensino Docente IDENTIFICAÇÃO CURSO: Licenciatura em Matemática FORMA/GRAU: ( ) integrado ( ) subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado (x) licenciatura ( ) tecnólogo MODALIDADE: ( x ) Presencial

Leia mais

PROGRAMA DE DISCIPLINA

PROGRAMA DE DISCIPLINA PROGRAMA DE DISCIPLINA Disciplina: Fundamentos e Metodologia em Educação Infantil II Código da Disciplina: EDU 334 Curso: Pedagogia Período de oferta da disciplina: 6º Faculdade responsável: PEDAGOGIA

Leia mais

FUNDAMENTOS DA GESTÃO ESCOLAR: AS ATRIBUIÇÕES PROFISSIONAIS DO PEDAGOGO ENQUANTO GESTOR

FUNDAMENTOS DA GESTÃO ESCOLAR: AS ATRIBUIÇÕES PROFISSIONAIS DO PEDAGOGO ENQUANTO GESTOR FUNDAMENTOS DA GESTÃO ESCOLAR: AS ATRIBUIÇÕES PROFISSIONAIS DO PEDAGOGO ENQUANTO GESTOR Kely-Anee de Oliveira Nascimento Universidade Federal do Piauí kelyoliveira_@hotmail.com INTRODUÇÃO A escola é a

Leia mais

ORGANIZAÇÃO E GESTÃO ESCOLAR: REFLEXÕES A PARTIR DE UM CENTRO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO INFANTIL DA CIDADE DE NATAL/RN

ORGANIZAÇÃO E GESTÃO ESCOLAR: REFLEXÕES A PARTIR DE UM CENTRO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO INFANTIL DA CIDADE DE NATAL/RN ORGANIZAÇÃO E GESTÃO ESCOLAR: REFLEXÕES A PARTIR DE UM CENTRO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO INFANTIL DA CIDADE DE NATAL/RN Ailton Ribeiro da Silva ailtonribeiro_rp@yahoo.com.br Marta de Souza Câmara martacamara@ymail.com

Leia mais

PLANO DE ENSINO. CURSO Licenciatura Interdisciplinar em Ciências Naturais MATRIZ 763

PLANO DE ENSINO. CURSO Licenciatura Interdisciplinar em Ciências Naturais MATRIZ 763 Ministério da Educação UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Câmpus Ponta Grossa PLANO DE ENSINO CURSO Licenciatura Interdisciplinar em Ciências Naturais MATRIZ 76 FUNDAMENTAÇÃO LEGAL Resolução 07/11-COGEP

Leia mais

MÉTODOS INTERDISCIPLINARES APROXIMANDO SABERES MATEMÁTICOS E GEOGRÁFICOS

MÉTODOS INTERDISCIPLINARES APROXIMANDO SABERES MATEMÁTICOS E GEOGRÁFICOS MÉTODOS INTERDISCIPLINARES APROXIMANDO SABERES MATEMÁTICOS E GEOGRÁFICOS Celso Gomes Ferreira Neto, Universidade Estadual da Paraíba - UEPB Profª. Drª. Filomena Maria G. S. Cordeiro Moita, Universidade

Leia mais

PLANO DE ENSINO IDENTIFICAÇÃO CÓDIGO DISCIPLINA PRÉ-REQUISITOS POLÍTICAS PÚBLICAS E GESTÃO EDUCACIONAL

PLANO DE ENSINO IDENTIFICAÇÃO CÓDIGO DISCIPLINA PRÉ-REQUISITOS POLÍTICAS PÚBLICAS E GESTÃO EDUCACIONAL PLANO DE ENSINO Semestre 2017.1 IDENTIFICAÇÃO CÓDIGO DISCIPLINA PRÉ-REQUISITOS EDU126 POLÍTICAS PÚBLICAS E GESTÃO EDUCACIONAL CURSO DEPARTAMENTO ÁREA Química Educação Política CARGA HORÁRIA T P E 45 PROFESSOR(A)

Leia mais

Gestão e prática educacional democrática

Gestão e prática educacional democrática Universidade Federal do Rio Grande do Sul Faculdade de Educação Sociologia da Educação - I A - 2015/1 Eixo Escola e Cidadania Gestão e prática educacional democrática Vanessa Souza Pereira - Mestranda

Leia mais

Revista Iniciação Científica, v. 8, n. 1, 2010, Criciúma, Santa Catarina. ISSN

Revista Iniciação Científica, v. 8, n. 1, 2010, Criciúma, Santa Catarina. ISSN G E S T Ã O D E M O C R Á T I C A D A E D U C A Ç Ã O E S I S T E M A D E E N S I N O : E X P R E S S Ã O D O S D O C U M E N T O S E E Q U I P E G E S T O R A Andressa dos Santos Inácio 1 Antonio Serafim

Leia mais

GESTÃO DO ENSINO DE UM MUNICÍPIO CATARINENSE: DEMOCRACIA PARTICIPATIVA?

GESTÃO DO ENSINO DE UM MUNICÍPIO CATARINENSE: DEMOCRACIA PARTICIPATIVA? GESTÃO DO ENSINO DE UM MUNICÍPIO CATARINENSE: DEMOCRACIA PARTICIPATIVA? Mileidi Formaeski Tereza Ferreira 1, Antonio Serafim Pereira 2 1 UNESC/Pedagogia/mileidi@unesc.net ²UNESC/PPGE/asp@unesc.net Resumo:

Leia mais

PLANO DE ENSINO. DISCIPLINA: DIDÁTICA CARGA HORÁRIA: 80 PROFESSOR: Vallace Chriciano Souza Herran

PLANO DE ENSINO. DISCIPLINA: DIDÁTICA CARGA HORÁRIA: 80 PROFESSOR: Vallace Chriciano Souza Herran / PLANO DE ENSINO DISCIPLINA: DIDÁTICA CARGA HORÁRIA: 80 PROFESSOR: Vallace Chriciano Souza Herran OBJETIVO GERAL: Estabelecer a discussão crítica sobre os princípios e os pressupostos históricos, filosóficos,

Leia mais

FORMAÇÃO CONTINUADA ONLINE DE PROFESSORES QUE ATUAM COM ESCOLARES EM TRATAMENTO DE SAÚDE Jacques de Lima Ferreira PUC-PR Agência Financiadora: CNPq

FORMAÇÃO CONTINUADA ONLINE DE PROFESSORES QUE ATUAM COM ESCOLARES EM TRATAMENTO DE SAÚDE Jacques de Lima Ferreira PUC-PR Agência Financiadora: CNPq FORMAÇÃO CONTINUADA ONLINE DE PROFESSORES QUE ATUAM COM ESCOLARES EM TRATAMENTO DE SAÚDE Jacques de Lima Ferreira PUC-PR Agência Financiadora: CNPq INTRODUÇÃO Este texto apresenta a pesquisa em andamento

Leia mais

O PLANO DE AÇÕES ARTICULADAS (PAR) ENQUANTO SUPORTE AO PLANEJAMENTO DAS PRÁTICAS PEDAGÓGICAS EM ESCOLAS PÚBLICAS DO MUNICÍPIO DE DOURADOS-MS

O PLANO DE AÇÕES ARTICULADAS (PAR) ENQUANTO SUPORTE AO PLANEJAMENTO DAS PRÁTICAS PEDAGÓGICAS EM ESCOLAS PÚBLICAS DO MUNICÍPIO DE DOURADOS-MS O PLANO DE AÇÕES ARTICULADAS (PAR) ENQUANTO SUPORTE AO PLANEJAMENTO DAS PRÁTICAS PEDAGÓGICAS EM ESCOLAS PÚBLICAS DO MUNICÍPIO DE DOURADOS-MS Maria Isabel Soares Feitosa 1 Universidade Federal da Grande

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAMPUS JAGUARÃO CURSO DE PEDAGOGIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAMPUS JAGUARÃO CURSO DE PEDAGOGIA PLANO DE ENSINO 2011-2 DISCIPLINA: Socialização das Experiências Docentes II JP0040 PROFESSOR: Ms. Patrícia Moura Pinho I DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Carga Horária Teórica: 60h Carga Horária Prática: 15h II

Leia mais

FUNDAMENTOS DA SUPERVISÃO ESCOLAR

FUNDAMENTOS DA SUPERVISÃO ESCOLAR FUNDAMENTOS DA SUPERVISÃO ESCOLAR Profª. Carla Verônica AULA 03 SUPERVISÃO E PLANEJAMENTO PEDAGÓGICO Identificar os princípios da gestão participativa; Analisar a dialética do ambiente escolar; Perceber

Leia mais

A GESTÃO ESOLAR EM UMA PRÁTICA DE ENSINO DEMOGRÁTICA E PATICIPATIVA

A GESTÃO ESOLAR EM UMA PRÁTICA DE ENSINO DEMOGRÁTICA E PATICIPATIVA A GESTÃO ESOLAR EM UMA PRÁTICA DE ENSINO DEMOGRÁTICA E PATICIPATIVA Izanete Maria Silva de Lima Graduada em Ciências Sociais pela UFCG e-mail: izannete@hotmail.com José Wellington Farias da Silva Graduado

Leia mais

Apresentando o problema

Apresentando o problema 2 Apresentando o problema Segundo a pesquisa de Lourenço (1974, p.22) o trabalho do coordenador pedagógico foi criado e direcionado a supervisionar o trabalho do professor na escola de forma que este aplicasse

Leia mais

Promover a articulação curricular através de processos de contextualização.

Promover a articulação curricular através de processos de contextualização. Promover a articulação curricular através de processos de contextualização. José Carlos Morgado Universidade do Minho Carlinda Leite Preciosa Fernandes Ana Mouraz Universidade do Porto Universidade do

Leia mais

AÇÃO PEDAGÓGICA NAS CRECHES: CONTRIBUIÇÕES PARA O PROCESSO DE ENSINO/APRENDIZAGEM NA EDUCAÇÃO INFANTIL

AÇÃO PEDAGÓGICA NAS CRECHES: CONTRIBUIÇÕES PARA O PROCESSO DE ENSINO/APRENDIZAGEM NA EDUCAÇÃO INFANTIL AÇÃO PEDAGÓGICA NAS CRECHES: CONTRIBUIÇÕES PARA O PROCESSO DE ENSINO/APRENDIZAGEM NA EDUCAÇÃO INFANTIL OLGADO, Maiara Daiane da Silva 1 mai_daiane_olgado@hotmail.com TORSI, Elizabeth Ângela dos Santos

Leia mais

POR QUE UMA ELITE FINANCEIRA ESTARIA INTERESSADA EM PROMOVER INICIATIVAS NA EDUCAÇÃO EM ÂMBITO NACIONAL?

POR QUE UMA ELITE FINANCEIRA ESTARIA INTERESSADA EM PROMOVER INICIATIVAS NA EDUCAÇÃO EM ÂMBITO NACIONAL? POR QUE UMA ELITE FINANCEIRA ESTARIA INTERESSADA EM PROMOVER INICIATIVAS NA EDUCAÇÃO EM ÂMBITO NACIONAL? Incorporar vigorosamente à educação pública uma lógica empresarial contemporânea. A escola como

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS E PESQUISAS EDUCACIONAIS ANÍSIO TEIXEIRA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS E PESQUISAS EDUCACIONAIS ANÍSIO TEIXEIRA Página 1 de 6 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS E PESQUISAS EDUCACIONAIS ANÍSIO TEIXEIRA PORTARIA Nº 510, DE 6 DE JUNHO DE 2017 A PRESIDENTE DO INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS E PESQUISAS

Leia mais

AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL: UMA CONSTRUÇÃO COLETIVA

AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL: UMA CONSTRUÇÃO COLETIVA AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL: UMA CONSTRUÇÃO COLETIVA Vanessa Martins Hidd Santos NOVAFAPI INTRODUÇÃO A avaliação institucional constitui objeto de preocupação e análise na NOVAFAPI, desde sua fundação quando

Leia mais

AS CONTRIBUIÇÕES DO CONSELHO ESCOLAR PARA UMA GESTÃO DEMOCRÁTICA

AS CONTRIBUIÇÕES DO CONSELHO ESCOLAR PARA UMA GESTÃO DEMOCRÁTICA AS CONTRIBUIÇÕES DO CONSELHO ESCOLAR PARA UMA GESTÃO DEMOCRÁTICA Priscila Cavalcante Silva Universidade Estadual do Ceará- UECE Priscilacavalcante-@hotmail.com Resumo A importância de uma educação pública

Leia mais

BIBLIOGRAFIA DIRETOR E SUPERVISOR

BIBLIOGRAFIA DIRETOR E SUPERVISOR BIBLIOGRAFIA DIRETOR E SUPERVISOR CONHECIMENTOS GERAIS para os cargos de DIRETOR DE ESCOLA e SUPERVISOR ESCOLAR Documentos Institucionais 1.BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria da Educação Básica.

Leia mais

O TRABALHO DO COORDENADOR PEDAGÓGICO E O PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO: UMA RELAÇÃO NECESSÁRIA.

O TRABALHO DO COORDENADOR PEDAGÓGICO E O PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO: UMA RELAÇÃO NECESSÁRIA. O TRABALHO DO COORDENADOR PEDAGÓGICO E O PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO: UMA RELAÇÃO NECESSÁRIA. Ana Paula Zaikievicz, (acadêmica do 3º ano de Pedagogia), Marisa Schneckenberg,(Orientadora) e-mail: marisas@irati.unicentro.br.

Leia mais

Orientações - Estágio Curricular Obrigatório

Orientações - Estágio Curricular Obrigatório Orientações - Estágio Curricular Obrigatório 1. Apresentação O estágio curricular é obrigatório para as Licenciaturas e está baseado na seguinte Legislação: 1.A - LICENCIATURAS EM CIÊNCIAS BIOLÓGICAS,

Leia mais

UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA CENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA CEAD PLANO DE ENSINO

UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA CENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA CEAD PLANO DE ENSINO UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA CENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA CEAD PLANO DE ENSINO I IDENTIFICAÇÃO Curso: Pedagogia a Distância Departamento: Departamento de Pedagogia a Distância Disciplina:

Leia mais

TÍTULO: DIDÁTICA EM AÇÃO: ADAPTAÇÃO DOS CONTOS INFANTIS NAS AULAS DE YOGA PARA CRIANÇAS

TÍTULO: DIDÁTICA EM AÇÃO: ADAPTAÇÃO DOS CONTOS INFANTIS NAS AULAS DE YOGA PARA CRIANÇAS TÍTULO: DIDÁTICA EM AÇÃO: ADAPTAÇÃO DOS CONTOS INFANTIS NAS AULAS DE YOGA PARA CRIANÇAS CATEGORIA: EM ANDAMENTO ÁREA: CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS SUBÁREA: PEDAGOGIA INSTITUIÇÃO: FACULDADE ANHANGUERA DE

Leia mais

PERSPECTIVAS E CONCEPÇÕES DE EDUCAÇÃO INTEGRAL NO ENSINO FUNDAMENTAL EVIDENCIADAS NAS DISSERTAÇÕES E TESES PRODUZIDAS

PERSPECTIVAS E CONCEPÇÕES DE EDUCAÇÃO INTEGRAL NO ENSINO FUNDAMENTAL EVIDENCIADAS NAS DISSERTAÇÕES E TESES PRODUZIDAS PERSPECTIVAS E CONCEPÇÕES DE EDUCAÇÃO INTEGRAL NO ENSINO FUNDAMENTAL EVIDENCIADAS NAS DISSERTAÇÕES E TESES PRODUZIDAS NO PERÍODO DE 2011 A 2014 Formação e Gestão em Processos Educativos Ione Anhaia dos

Leia mais

UMA ANÁLISE DO PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO DE PEDAGOGIA NA PERSPECTIVA DO TRABALHO DOS PEDAGOGOS (2010) 1

UMA ANÁLISE DO PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO DE PEDAGOGIA NA PERSPECTIVA DO TRABALHO DOS PEDAGOGOS (2010) 1 UMA ANÁLISE DO PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO DE PEDAGOGIA NA PERSPECTIVA DO TRABALHO DOS PEDAGOGOS (2010) 1 RIBEIRO, Eliziane. Tainá. Lunardi. 2 ; ALVES, Bruna. Pereira.³; SIQUEIRA, Gabryely. Muniz. 4 ;

Leia mais

CARGA HORÁRIA SEMANAL: 04 CRÉDITO: 04

CARGA HORÁRIA SEMANAL: 04 CRÉDITO: 04 1. IDENTIFICAÇÃO PERÍODO: IV CARGA HORÁRIA SEMANAL: 04 CRÉDITO: 04 CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 60 NOME DA DISCIPLINA: FUNDAMENTOS TEÓRICO-METODOLÓGICOS DA GEOGRAFIA NOME DO CURSO: PEDAGOGIA 2. EMENTA Geografia:

Leia mais

CARGA HORÁRIA SEMANAL: 5 CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 60 NOME DA DISCIPLINA: INTRODUÇÃO À PEDAGOGIA NOME DO CURSO: DIREITO, ECONOMIA, PEDAGOGIA, TEOLOGIA

CARGA HORÁRIA SEMANAL: 5 CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 60 NOME DA DISCIPLINA: INTRODUÇÃO À PEDAGOGIA NOME DO CURSO: DIREITO, ECONOMIA, PEDAGOGIA, TEOLOGIA 1. IDENTIFICAÇÃO PERÍODO: CRÉDITO: CARGA HORÁRIA SEMANAL: 5 CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 60 NOME DA DISCIPLINA: INTRODUÇÃO À PEDAGOGIA NOME DO CURSO: DIREITO, ECONOMIA, PEDAGOGIA, TEOLOGIA 2. EMENTA A evolução

Leia mais

A QUALIDADE DA EDUCAÇÃO BÁSICA NO PLANO DE AÇÕES ARTICULADAS (PAR) NO MUNICÍPIO DE SANTA INÊS/MA: OS DESAFIOS DA FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES

A QUALIDADE DA EDUCAÇÃO BÁSICA NO PLANO DE AÇÕES ARTICULADAS (PAR) NO MUNICÍPIO DE SANTA INÊS/MA: OS DESAFIOS DA FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES A QUALIDADE DA EDUCAÇÃO BÁSICA NO PLANO DE AÇÕES ARTICULADAS (PAR) NO MUNICÍPIO DE SANTA INÊS/MA: OS DESAFIOS DA FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES Eriveth Silva Teixeira¹ ¹Acadêmica do 7º período do curso

Leia mais

PEDAGOGIA JURÍDICA: AS PRÁTICAS DO PEDAGOGO NO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE GOIÁS. Laylla Nayanne Dias Lopes TJGO.

PEDAGOGIA JURÍDICA: AS PRÁTICAS DO PEDAGOGO NO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE GOIÁS. Laylla Nayanne Dias Lopes TJGO. PEDAGOGIA JURÍDICA: AS PRÁTICAS DO PEDAGOGO NO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE GOIÁS Laylla Nayanne Dias Lopes TJGO laylla.lopes@hotmail.com RESUMO: Este trabalho realiza uma análise sobre a participação

Leia mais

Cód. Disciplina Período Créditos Carga Horária 7 Semanal Mensal 6 24

Cód. Disciplina Período Créditos Carga Horária 7 Semanal Mensal 6 24 Cód. Disciplina Período Créditos Carga Horária 7 Semanal Mensal 6 24 Nome da Disciplina ESTÁGIO EM GESTÃO EDUCACIONAL I Curso PEDAGOGIA GESTÃO DE SISTEMAS EDUCACIONAIS Orientação individual e grupal aos

Leia mais

PROGRAMA DE DISCIPLINA

PROGRAMA DE DISCIPLINA PROGRAMA DE DISCIPLINA Disciplina: Estágio Curricular Supervisionado em Educação Infantil I Código da Disciplina: EDU Curso: Pedagogia Semestre de oferta da disciplina: 5º Faculdade responsável: Pedagogia

Leia mais

O ENSINO NA CONSTRUÇÃO DE COMPETÊNCIA NA EDUCAÇÃO BÁSICA

O ENSINO NA CONSTRUÇÃO DE COMPETÊNCIA NA EDUCAÇÃO BÁSICA O ENSINO NA CONSTRUÇÃO DE COMPETÊNCIA NA EDUCAÇÃO BÁSICA Autor: EDILSON JOSÉ DE CARVALHO E ANA ALICE Introdução Este trabalho é uma síntese das aulas da professora Ana Alice, que administrou a disciplina:

Leia mais

REFERÊNCIAS. ABRAMOVAY, M. e KRAMER, S. (1991)."O Rei Está Nu": Um debate sobre as

REFERÊNCIAS. ABRAMOVAY, M. e KRAMER, S. (1991).O Rei Está Nu: Um debate sobre as 112 REFERÊNCIAS ABRAMOVAY, M. e KRAMER, S. (1991)."O Rei Está Nu": Um debate sobre as funções da pré-escola. In: SOUZA, S. J. e KRAMER, S. Educação ou Tutela? A criança de 0 a 6 anos. São Paulo: Loyola,,

Leia mais

APRENDIZAGEM CONHECENDO SEU PROCESSO PARA COMPREENDER O SEU DESENVOLVIMENTO

APRENDIZAGEM CONHECENDO SEU PROCESSO PARA COMPREENDER O SEU DESENVOLVIMENTO UNIVERSIDADE DO ESTADO DO AMAZONAS MESTRADO ACADEMICO EM EDUCACAO E CIENCIAS NA AMAZONIA APRENDIZAGEM CONHECENDO SEU PROCESSO PARA COMPREENDER O SEU DESENVOLVIMENTO MESTRANDA LIDIANE MEDEIROS APRENDIZAGEM

Leia mais

PONTOS DE PROVA E BIBLIOGRAFIA. Campus/Cidade: Vilhena Departamento: DACIE Área/Subárea: Educação/ Fundamentos da Educação

PONTOS DE PROVA E BIBLIOGRAFIA. Campus/Cidade: Vilhena Departamento: DACIE Área/Subárea: Educação/ Fundamentos da Educação PONTOS DE PROVA E BIBLIOGRAFIA Campus/Cidade: Vilhena Departamento: DACIE Área/Subárea: 70800006 Educação/70801002 Fundamentos da Educação 1. Diferentes abordagens das práticas educativas nos espaços escolares.

Leia mais

FORMAÇÃO CONTINUADA DOCENTE: UM ESTUDO NAS INSTITUIÇÕES PÚBLICAS DE EDUCAÇÃO INFANTIL DA ZONA RURAL E ZONA URBANA DE SÃO LUÍS.

FORMAÇÃO CONTINUADA DOCENTE: UM ESTUDO NAS INSTITUIÇÕES PÚBLICAS DE EDUCAÇÃO INFANTIL DA ZONA RURAL E ZONA URBANA DE SÃO LUÍS. FORMAÇÃO CONTINUADA DOCENTE: UM ESTUDO NAS INSTITUIÇÕES PÚBLICAS DE EDUCAÇÃO INFANTIL DA ZONA RURAL E ZONA URBANA DE SÃO LUÍS. Ione da Silva Guterres Especialista em Docência na Educação Infantil pela

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO Secretaria da Educação SECRETARIA DA DA EDUCAÇÃO Contextualização EDUCAÇÃO COMPROMISSO DE SÃO PAULO Programa Educação - Compromisso de São Paulo Institui 5 pilares para a

Leia mais

PROJETO. Identidade e a prática pedagógica do professor de Ensino Religioso

PROJETO. Identidade e a prática pedagógica do professor de Ensino Religioso PROJETO Identidade e a prática pedagógica do professor de Ensino Religioso A CIDADANIA NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES PARA O ENSINO RELIGIOSO LÉO MARCELO PLANTES MACHADO Orientador: DR. SÉRGIO ROGÉRIO AZEVEDO

Leia mais

CURSO DE PEDAGOGIA NO ESTADO DE SÃO PAULO: REFLEXÃO SOBRE O ESTÁGIO E PRÁTICAS DE ENSINO i

CURSO DE PEDAGOGIA NO ESTADO DE SÃO PAULO: REFLEXÃO SOBRE O ESTÁGIO E PRÁTICAS DE ENSINO i 1 CURSO DE PEDAGOGIA NO ESTADO DE SÃO PAULO: REFLEXÃO SOBRE O ESTÁGIO E PRÁTICAS DE ENSINO i LIMA, Vanda Moreira Machado Faculdade de Ciências e Tecnologia/UNESP- Presidente Prudente, SP Este artigo apresenta

Leia mais

REGULAMENTO DO ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO CURSO DE LICENCIATURA EM PEDAGOGIA CAPITULO I - DA NATUREZA E DOS OBJETIVOS

REGULAMENTO DO ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO CURSO DE LICENCIATURA EM PEDAGOGIA CAPITULO I - DA NATUREZA E DOS OBJETIVOS REGULAMENTO DO ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO CURSO DE LICENCIATURA EM PEDAGOGIA Dispõe sobre o Regulamento do Estágio Curricular Supervisionado do Curso de Licenciatura em Pedagogia da Faculdade Capivari.

Leia mais

O CURSO DE PEDAGOGIA COMO LÓCUS DA FORMAÇÃO MUSICAL INICIAL DE PROFESSORES Alexandra Silva dos Santos Furquim UFSM Cláudia Ribeiro Bellochio UFSM

O CURSO DE PEDAGOGIA COMO LÓCUS DA FORMAÇÃO MUSICAL INICIAL DE PROFESSORES Alexandra Silva dos Santos Furquim UFSM Cláudia Ribeiro Bellochio UFSM 1 O CURSO DE PEDAGOGIA COMO LÓCUS DA FORMAÇÃO MUSICAL INICIAL DE PROFESSORES Alexandra Silva dos Santos Furquim UFSM Cláudia Ribeiro Bellochio UFSM INTRODUÇÃO No contexto das pesquisas em educação, a formação

Leia mais

PROJETO DAS FACULDADES MAGSUL

PROJETO DAS FACULDADES MAGSUL Pedagogia: Aut. Dec. nº 93110 de 13/08/86 / Reconhecido Port. nº 717 de 21/12/89/ Renovação Rec. Port. nº 286 de 21/12/2012 Mantida pela A.E.S.P. Av. Presidente Vargas, 725 Centro Tel.: (67)3431-2107 Ponta

Leia mais

Resultado Final do Eixo 03 -Currículo e educação infantil, ensino fundamental e Nº TÍTULO CPF

Resultado Final do Eixo 03 -Currículo e educação infantil, ensino fundamental e Nº TÍTULO CPF Resultado Final do Eixo 03 -Currículo e educação infantil, ensino fundamental e Nº TÍTULO CPF 1 2 3 4 5 AS POLÍTICAS CURRICULARES PARA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E A ORGANIZAÇÃO CURRICULAR DOS CURSOS TÉCNICOS

Leia mais

O PLANO DE AÇÕES ARTICULADAS E A FORMAÇÃO DE PROFESSORES EM SERVIÇO NA GESTÃO DA EDUCAÇÃO MUNICIPAL

O PLANO DE AÇÕES ARTICULADAS E A FORMAÇÃO DE PROFESSORES EM SERVIÇO NA GESTÃO DA EDUCAÇÃO MUNICIPAL O PLANO DE AÇÕES ARTICULADAS E A FORMAÇÃO DE PROFESSORES EM SERVIÇO NA GESTÃO DA EDUCAÇÃO MUNICIPAL Conceição Aparecida Fernandes Lima Panizzi UERJ UGB Resumo O texto apresenta algumas considerações sobre

Leia mais

GESTÃO ESCOLAR DEMOCRÁTICA E O TRABALHO COLETIVO: DESAFIOS E PERSPECTIVAS

GESTÃO ESCOLAR DEMOCRÁTICA E O TRABALHO COLETIVO: DESAFIOS E PERSPECTIVAS GESTÃO ESCOLAR DEMOCRÁTICA E O TRABALHO COLETIVO: DESAFIOS E PERSPECTIVAS Vanilda Aparecida Alves Escola Municipal Salim Bittar vanilda_alves@hotmail.com Marília Beatriz Ferreira Abdulmassih Pontifícia

Leia mais

UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA CENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA CEAD PLANO DE ENSINO

UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA CENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA CEAD PLANO DE ENSINO UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA CENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA CEAD PLANO DE ENSINO I IDENTIFICAÇÃO Curso: Pedagogia a Distância Departamento: Departamento de Pedagogia a Distância Disciplina:

Leia mais

GEPLIS GRUPO DE ESTUDOS E PESQUISAS EM LINGUAGEM E IDENTIDADES SOCIAIS

GEPLIS GRUPO DE ESTUDOS E PESQUISAS EM LINGUAGEM E IDENTIDADES SOCIAIS 14. CONEX Apresentação Oral Resumo Expandido 1 ISSN 2238-9113 ÁREA TEMÁTICA: ( ) COMUNICAÇÃO ( ) CULTURA ( ) DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA ( x ) EDUCAÇÃO ( ) MEIO AMBIENTE ( ) SAÚDE ( ) TRABALHO ( ) TECNOLOGIA

Leia mais

A GEOGRAFIA DO PROFESSOR E A EMANCIPAÇÃO DO CIDADÃO

A GEOGRAFIA DO PROFESSOR E A EMANCIPAÇÃO DO CIDADÃO Jônatas Lima Candido Secretaria de Estado da Educação do Paraná SEED PR jonataslimacandido@seed.pr.gov.br A GEOGRAFIA DO PROFESSOR E A EMANCIPAÇÃO DO CIDADÃO INTRODUÇÃO Embora o Ensino de Geografia tenha

Leia mais

2 EMENTA Conceituação literária de regional e universal. Obras literárias produzidas no Tocantins.

2 EMENTA Conceituação literária de regional e universal. Obras literárias produzidas no Tocantins. 8 semestre INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, 1 IDENTIFICAÇÃO Componente Curricular: Literatura Regional Total de horas: 80 Conceituação literária de regional e universal. Obras literárias produzidas no Tocantins.

Leia mais

PROGRAMA DE DISCIPLINA ESTÁGIO SUPERVISIONADO I 7) CURSO (S): 8) DISTRIBUIÇÃO DE CARGA HORÁRIA: TIPO DE AULA

PROGRAMA DE DISCIPLINA ESTÁGIO SUPERVISIONADO I 7) CURSO (S): 8) DISTRIBUIÇÃO DE CARGA HORÁRIA: TIPO DE AULA UERJ 1) UNIDADE: PROGRAMA DE DISCIPLINA 2) DEPARTAMENTO: 7º (Período) INSTITUTO DE PSICOLOGIA PSICOLOGIA SOCIAL E INSTITUCIONAL 3) CÓDIGO: 4) NOME DA DISCIPLINA: 5) CH: 6) CRÉD.: PSI02-03429 ESTÁGIO SUPERVISIONADO

Leia mais

A ALFABETIZAÇÃO MATEMÁTICA PARA CRIANÇAS COM DEFICIÊNCIA VISUAL CONGÊNITA E ADQUIRIDA ATRAVÉS DE JOGOS PEDAGÓGICOS.

A ALFABETIZAÇÃO MATEMÁTICA PARA CRIANÇAS COM DEFICIÊNCIA VISUAL CONGÊNITA E ADQUIRIDA ATRAVÉS DE JOGOS PEDAGÓGICOS. A ALFABETIZAÇÃO MATEMÁTICA PARA CRIANÇAS COM DEFICIÊNCIA VISUAL CONGÊNITA E ADQUIRIDA ATRAVÉS DE JOGOS PEDAGÓGICOS. Luciana Barros Farias Lima Instituto Benjamin Constant Práticas Pedagógicas Inclusivas

Leia mais

A DISCIPLINA DE DIDÁTICA NO CURSO DE PEDAGOGIA: SEU PAPEL NA FORMAÇÃO DOCENTE INICIAL

A DISCIPLINA DE DIDÁTICA NO CURSO DE PEDAGOGIA: SEU PAPEL NA FORMAÇÃO DOCENTE INICIAL A DISCIPLINA DE DIDÁTICA NO CURSO DE PEDAGOGIA: SEU PAPEL NA FORMAÇÃO DOCENTE INICIAL Kelen dos Santos Junges - UNESPAR/Campus de União da Vitória Mariane de Freitas - UNESPAR/Campus de União da Vitória

Leia mais

Programa Analítico de Disciplina EIN231 O Cotidiano em Instituições de Educação Infantil

Programa Analítico de Disciplina EIN231 O Cotidiano em Instituições de Educação Infantil 0 Programa Analítico de Disciplina Departamento de Economia Doméstica - Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes Número de créditos: 4 Teóricas Práticas Total Duração em semanas: 15 Carga horária semanal

Leia mais

TÍTULO: POSSIBILIDADES DAS VIVÊNCIAS LÚDICAS NO TEMPO ÓCIO VIVIDO PELAS CRIANÇAS NO RECREIO

TÍTULO: POSSIBILIDADES DAS VIVÊNCIAS LÚDICAS NO TEMPO ÓCIO VIVIDO PELAS CRIANÇAS NO RECREIO Anais do Conic-Semesp. Volume 1, 2013 - Faculdade Anhanguera de Campinas - Unidade 3. ISSN 2357-8904 TÍTULO: POSSIBILIDADES DAS VIVÊNCIAS LÚDICAS NO TEMPO ÓCIO VIVIDO PELAS CRIANÇAS NO RECREIO CATEGORIA:

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAMPUS JAGUARÃO CURSO DE PEDAGOGIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAMPUS JAGUARÃO CURSO DE PEDAGOGIA PLANO DE ENSINO 2011-1 DISCIPLINA: Perspectivas Sociológicas em Educação II - JP0018 PROFESSOR: Ms. Clóvis Da Rolt I DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Carga Horária Teórica: 30h II EMENTA A disciplina de Perspectivas

Leia mais

Universidade do Estado de Santa Catarina UDESC Centro de Ciências Humanas e da Educação FAED PLANO DE ENSINO

Universidade do Estado de Santa Catarina UDESC Centro de Ciências Humanas e da Educação FAED PLANO DE ENSINO Universidade do Estado de Santa Catarina UDESC Centro de Ciências Humanas e da Educação FAED PLANO DE ENSINO DEPARTAMENTO: Pedagogia ANO/SEMESTRE: 2013-1 CURSO: Pedagogia FASE: 3ª DISCIPLINA: Curriculo:

Leia mais

Resolução CEB nº 3, de 26 de junho de Apresentado por: Luciane Pinto, Paulo Henrique Silva e Vanessa Ferreira Backes.

Resolução CEB nº 3, de 26 de junho de Apresentado por: Luciane Pinto, Paulo Henrique Silva e Vanessa Ferreira Backes. Resolução CEB nº 3, de 26 de junho de 1998 Apresentado por: Luciane Pinto, Paulo Henrique Silva e Vanessa Ferreira Backes. Institui as Diretrizes Curriculares Nacionais para o Ensino Médio. O Presidente

Leia mais

A LIDERANÇA NA ORGANIZAÇÃO ESCOLAR

A LIDERANÇA NA ORGANIZAÇÃO ESCOLAR A LIDERANÇA NA ORGANIZAÇÃO ESCOLAR Lauriane Dias Alencar UFPI /lauriane2205@hotmail.com Maria de Jesus Marques Silva UESPI / dudemsilva@yahoo.com.br GT1. Política e gestão da educação básica O tema em

Leia mais

A IMPLANTAÇÃO DO PROGRAMA PDE-ESCOLA NOS COLÉGIOS ESTADUAIS DO MUNICÍPIO DE LONDRINA E SEUS IMPACTOS NA GESTÃO ESCOLAR

A IMPLANTAÇÃO DO PROGRAMA PDE-ESCOLA NOS COLÉGIOS ESTADUAIS DO MUNICÍPIO DE LONDRINA E SEUS IMPACTOS NA GESTÃO ESCOLAR A IMPLANTAÇÃO DO PROGRAMA PDE-ESCOLA NOS COLÉGIOS ESTADUAIS DO MUNICÍPIO DE LONDRINA E SEUS IMPACTOS NA GESTÃO ESCOLAR Gisele de Paula Rodrigues 1 Universidade Estadual de Londrina/PR giseledepaula_2@hotmail.com

Leia mais

PLANO DE ENSINO. Curso: Pedagogia. Disciplina: Planejamento e Avaliação Educacional. Carga Horária Semestral: 40 Semestre do Curso: 6º

PLANO DE ENSINO. Curso: Pedagogia. Disciplina: Planejamento e Avaliação Educacional. Carga Horária Semestral: 40 Semestre do Curso: 6º PLANO DE ENSINO 2016 Curso: Pedagogia Disciplina: Planejamento e Avaliação Educacional Carga Horária Semestral: 40 Semestre do Curso: 6º 1 - Ementa (sumário resumo) Aspectos históricos e socioeconômicos

Leia mais

O ENSINO DE ARTES VISUAIS NA EDUCAÇÃO INFANTIL MUNICIPAL DE JOÃO PESSOA/PB

O ENSINO DE ARTES VISUAIS NA EDUCAÇÃO INFANTIL MUNICIPAL DE JOÃO PESSOA/PB O ENSINO DE ARTES VISUAIS NA EDUCAÇÃO INFANTIL MUNICIPAL DE JOÃO PESSOA/PB Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais (PPGAV) Universidade Federal da Paraíba (UFPB) / Universidade Federal de Pernambuco

Leia mais

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010. Carga Horária Semestral: 40 Semestre do Curso: 7º

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010. Carga Horária Semestral: 40 Semestre do Curso: 7º PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010 Curso: Pedagogia Disciplina: Acompanhamento aos Projetos de Pesquisa I Carga Horária Semestral: 40 Semestre do Curso: 7º 1 - Ementa (sumário, resumo) Trabalho resultante

Leia mais

NORMATIVA DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO CURSO DE HISTÓRIA LICENCIATURA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAMPUS JAGUARÃO

NORMATIVA DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO CURSO DE HISTÓRIA LICENCIATURA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAMPUS JAGUARÃO NORMATIVA DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO CURSO DE HISTÓRIA LICENCIATURA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAMPUS JAGUARÃO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º Os estágios curriculares no curso de História-Licenciatura

Leia mais

DIRETOR DE ESCOLA: A CONSTRUÇÃO DA SUA IDENTIDADE PROFISSIONAL E OS DESAFIOS DA SUA FUNÇÃO

DIRETOR DE ESCOLA: A CONSTRUÇÃO DA SUA IDENTIDADE PROFISSIONAL E OS DESAFIOS DA SUA FUNÇÃO Resumo DIRETOR DE ESCOLA: A CONSTRUÇÃO DA SUA IDENTIDADE PROFISSIONAL E OS DESAFIOS DA SUA FUNÇÃO Adriana Rieger Gonçalves A presente pesquisa tem por objetivo compreender e analisar como diretores de

Leia mais

IF SUDESTE MG REITORIA Av. Luz Interior, 360, Bairro Estrela Sul Juiz de Fora - MG

IF SUDESTE MG REITORIA Av. Luz Interior, 360, Bairro Estrela Sul Juiz de Fora - MG Av. Luz Interior, 360, Bairro Estrela Sul - 36030-776 - Juiz de Fora - MG Edital 05/2016 O Reitor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sudeste de Minas Gerais, no uso de suas atribuições

Leia mais

O PROCESSO DE CONSOLIDAÇÃO DA GESTÃO DEMOCRÁTICA PARTICIPATIVA: UMA ESCOLA PÚBLICA EM FOCO RESUMO

O PROCESSO DE CONSOLIDAÇÃO DA GESTÃO DEMOCRÁTICA PARTICIPATIVA: UMA ESCOLA PÚBLICA EM FOCO RESUMO O PROCESSO DE CONSOLIDAÇÃO DA GESTÃO DEMOCRÁTICA PARTICIPATIVA: UMA ESCOLA PÚBLICA EM FOCO RESUMO Atualmente, muito se tem discutido sobre a temática da administração escolar, buscando encontrar alternativas

Leia mais

PROGRAMA DE DISCIPLINA

PROGRAMA DE DISCIPLINA PROGRAMA DE DISCIPLINA Disciplina: Fundamentos e Metodologia nos Anos Iniciais do Ensino Fundamental II Código da Disciplina: EDU 325 Curso: Pedagogia Semestre de oferta da disciplina: 5º Faculdade responsável:

Leia mais

CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS

CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS CURSO: MATEMÁTICA DISCIPLINA: METODOLOGIA DO ENSINO DA MATEMÁTICA III SÉRIE: 4ª CARGA HORÁRIA: 144 HORAS PROFESSOR: EVERTON JOSÉ GOLDONI ESTEVAM ANO LETIVO: 2013 EMENTA A Matemática

Leia mais

GESTÃO ESCOLAR E EDUCACIONAL EM EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS: A INOVAÇÃO E A QUALIDADE DOS PROCESSOS GESTORES, DENTRO DAS INSTITUIÇÕES DE ENSINO.

GESTÃO ESCOLAR E EDUCACIONAL EM EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS: A INOVAÇÃO E A QUALIDADE DOS PROCESSOS GESTORES, DENTRO DAS INSTITUIÇÕES DE ENSINO. GESTÃO ESCOLAR E EDUCACIONAL EM EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS: A INOVAÇÃO E A QUALIDADE DOS PROCESSOS GESTORES, DENTRO DAS INSTITUIÇÕES DE ENSINO. ANTONIO AMORIM Professor Titular Pleno da Universidade

Leia mais

REGULAMENTO NÚCLEO DE ATENDIMENTO EDUCACIONAL AO DISCENTE FACULDADE CNEC ILHA DO GOVERNADOR

REGULAMENTO NÚCLEO DE ATENDIMENTO EDUCACIONAL AO DISCENTE FACULDADE CNEC ILHA DO GOVERNADOR REGULAMENTO NÚCLEO DE ATENDIMENTO EDUCACIONAL AO DISCENTE FACULDADE CNEC ILHA DO GOVERNADOR Núcleo de Atendimento Educacional ao Discente NAED Regulamento CAPÍTULO I DA NATUREZA E OBJETIVOS DO NAED Art.

Leia mais

PROGRAMA DE DISCIPLINA

PROGRAMA DE DISCIPLINA PROGRAMA DE DISCIPLINA Disciplina: Educação Inclusiva Código da Disciplina: EDU 319 Curso: Pedagogia Semestre de oferta da disciplina: 2015/1 Faculdade responsável: Pedagogia Programa em vigência a partir

Leia mais

Palavras-Chave: Gestão participativa; Coordenação Pedagógica; Ensino aprendizagem.

Palavras-Chave: Gestão participativa; Coordenação Pedagógica; Ensino aprendizagem. O COORDENADOR PEDAGÓGICO DO INSTITUTO FEDERAL DE RORAIMA - CAMPUS NOVO PARAÍSO: DESAFIOS DA PRÁTICA MEDIADORA Ada Raquel da Fonseca Vasconcelos Mestranda em Educação Agrícola pela Universidade Federal

Leia mais

CARGA HORÁRIA SEMANAL: 04 CRÉDITO: 04 CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 60 NOME DA DISCIPLINA: FUNDAMENTOS TEÓRICO-METODOLÓGICOS DA HISTÓRIA

CARGA HORÁRIA SEMANAL: 04 CRÉDITO: 04 CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 60 NOME DA DISCIPLINA: FUNDAMENTOS TEÓRICO-METODOLÓGICOS DA HISTÓRIA 1. IDENTIFICAÇÃO PERÍODO: 4º CARGA HORÁRIA SEMANAL: 04 CRÉDITO: 04 CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 60 NOME DA DISCIPLINA: FUNDAMENTOS TEÓRICO-METODOLÓGICOS DA HISTÓRIA NOME DO CURSO: PEDAGOGIA 2. EMENTA História:

Leia mais

RECONHECENDO AS PRINCIPAIS CARACTERISTICAS DA AVALIAÇÃO NACIONAL DA ALFABETIZAÇÃO

RECONHECENDO AS PRINCIPAIS CARACTERISTICAS DA AVALIAÇÃO NACIONAL DA ALFABETIZAÇÃO RECONHECENDO AS PRINCIPAIS CARACTERISTICAS DA AVALIAÇÃO NACIONAL DA ALFABETIZAÇÃO Patrícia dos Santos Zwetsch- Apresentadora (UFSM) Rosane Carneiro Sarturi- Orientadora (UFSM) INTRODUÇÃO Este trabalho

Leia mais

Currículo do Curso de Pedagogia

Currículo do Curso de Pedagogia Currículo do Curso de Pedagogia Licenciatura ATUAÇÃO Em atendimento às Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN), aprovadas em 2006 pelo Conselho Nacional de (CNE) e homologadas pelo Ministério da (MEC),

Leia mais

ENADE: OS RESULTADOS INFLUENCIAM NA GESTÃO ACADÊMICA E NA QUALIDADE DOS CURSOS

ENADE: OS RESULTADOS INFLUENCIAM NA GESTÃO ACADÊMICA E NA QUALIDADE DOS CURSOS ENADE: OS RESULTADOS INFLUENCIAM NA GESTÃO ACADÊMICA E NA QUALIDADE DOS CURSOS Maria Luiza Miranda Ribeiro ¹,Nalzilene Raposo ² Universidade Estadual do Maranhão 1, Universidade Estadual do Maranhão 2

Leia mais

SUPERVISÃO EDUCACIONAL

SUPERVISÃO EDUCACIONAL SUPERVISÃO EDUCACIONAL OBJETIVO: Subsidiar o trabalho nas Diretorias Regionais da Educação e as Unidades Escolares, de modo a observar, analisar, orientar, intervir e encaminhar as demandas nas seguintes

Leia mais

Pontifícia Universidade Católica do Paraná Programa de Pós-Graduação em Teologia Linha Teologia e Sociedade

Pontifícia Universidade Católica do Paraná Programa de Pós-Graduação em Teologia Linha Teologia e Sociedade Pontifícia Universidade Católica do Paraná Programa de Pós-Graduação em Teologia Linha Teologia e Sociedade LIVROS DE ENSINO RELIGIOSO: uma produção de conhecimento no período de 1995 a 2010 Isabel Cristina

Leia mais

ESTUDANTES COM DEFICIENCIA INTELECTUAL

ESTUDANTES COM DEFICIENCIA INTELECTUAL ESTUDANTES COM DEFICIENCIA INTELECTUAL EM ESCOLAS DEMOCRÁTICAS: PRÁTICAS PEDAGÓGICAS Ma. Julia Gomes Heradão Dra. Elisa Tomoe Moriya Schlunzen UNESP Presidente Prudente Eixo Temático: Práticas Pedagógicas

Leia mais

Ministério da Educação UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ. Câmpus Ponta Grossa PLANO DE ENSINO

Ministério da Educação UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ. Câmpus Ponta Grossa PLANO DE ENSINO Ministério da Educação UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Câmpus Ponta Grossa PLANO DE ENSINO CURSO Licenciatura Interdisciplinar em Ciências Naturais MATRIZ 763 FUNDAMENTAÇÃO LEGAL Resolução 037/11-COGEP

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DOS ESTUDOS DA CULTURA AFRICANA E AFRO- BRASILEIRA NOS LIVROS DIDÁTICOS DE HISTÓRIA DO ENSINO FUNDAMENTAL EM TIMOM-MA

A IMPORTÂNCIA DOS ESTUDOS DA CULTURA AFRICANA E AFRO- BRASILEIRA NOS LIVROS DIDÁTICOS DE HISTÓRIA DO ENSINO FUNDAMENTAL EM TIMOM-MA A IMPORTÂNCIA DOS ESTUDOS DA CULTURA AFRICANA E AFRO- BRASILEIRA NOS LIVROS DIDÁTICOS DE HISTÓRIA DO ENSINO FUNDAMENTAL EM TIMOM-MA Maria do Perpétuo Socorro Lima Viana E-mail: socorroviana_@hotmail.com

Leia mais

UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA CENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA CEAD PLANO DE ENSINO. Código: EST-II Carga Horária: 72h Créditos: 5

UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA CENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA CEAD PLANO DE ENSINO. Código: EST-II Carga Horária: 72h Créditos: 5 UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA CENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA CEAD PLANO DE ENSINO I IDENTIFICAÇÃO Curso: Pedagogia a Distância Departamento: Departamento de Pedagogia a Distância Disciplina:

Leia mais