[ASP (APPLICATION SERVER PROVIDER)] ASP (Application Server Provider) Formando: Fernando Duarte

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "[ASP (APPLICATION SERVER PROVIDER)] ASP (Application Server Provider) Formando: Fernando Duarte"

Transcrição

1 2011 ASP (Application Server Provider) Formando: Fernando Duarte [ASP (APPLICATION SERVER PROVIDER)] É a tecnologia para a criação de páginas dinâmicas do lado do servidor, desenvolvida por Microsoft.

2 ASP (Application Server Provider) EFA Nível Secundário Tecnologias de Informação e Comunicação Multimédia (TICM) Formando: Fernando Duarte ÍNDICE Objectos ASP... 3 INTRODUÇÃO AOS OBJECTOS ASP VBSCRIPT... 3 Tipos... 3 Session... 5 Application... 5 Conclusão

3 ASP (Application Server Provider) EFA Nível Secundário Tecnologias de Informação e Comunicação Multimédia (TICM) Formando: Fernando Duarte OBJECTOS ASP INTRODUÇÃO AOS OBJECTOS ASP VBSCRIPT O ASP é uma das linguagens empregues para a criação de aplicações na internet. Isto quer dizer que existe toda uma série de tarefas bastante correntes, as quais deve ser dado um tratamento fácil e eficaz. Referimo-nos por exemplo ao envio de s, acesso a arquivos, gestão de variáveis do cliente ou servidor como podem ser seu IP ou a língua aceite... A linguagem VBSCRIPT propriamente dita não dá uma solução fácil e directa a estas tarefas, e sim invoca aos denominados objectos que não são mais que uns módulos incorporados à linguagem que permitem o desenvolvimento de tarefas específicas. Estes objectos realizam de uma maneira simples toda uma série de acções de uma complexidade relevante. A partir de uma chamada ao objecto, este realizará a tarefa requerida. De certa forma, estes objectos poupam-nos de ter que fazer programas compridos para operações simples e habituais. TIPOS APPLICATION Um grupo de arquivos ASP que trabalham juntos para realizar algum propósito é chamado de um aplicativo. O objecto Application é usado para amarrar esses arquivos juntos. O objecto Application é usado para armazenar variáveis e o acesso de qualquer página, tal como o objecto de sessão. A diferença é que os utilizadores compartilham todos um objecto Application. O objecto Application contém informações que serão utilizadas por muitas páginas na aplicação (como informações de conexão à base de dados). A informação pode ser acedida de qualquer página. As informações também podem ser alteradas num local e as alterações serão automaticamente reflectidas em todas as páginas. SESSION - O objecto Session, é utilizado para guardar informações sobre o utilizador. Podemos colocar nas sessões desde simples variáveis como cor de fundo da página ou autenticação do utilizador num site restrito. Quando iniciamos uma aplicação na internet o servidor sabe quem o utilizador, quando entra e quando sai da aplicação, com as sessões podemos guardar essas informações únicas de cada utilizador. COOKIES Os cookies são pequenos arquivos que são criados no computador do utilizador. São utilizados em ASP para guardar informações do utilizadores, assim quando este retornar ao site, não é necessário efectuar o login novamente, por exemplo. SERVER O Objecto Server é utilizado para aceder a propriedades e métodos de servidor. Grande parte da funcionalidade que ele oferece é simplesmente a funcionalidade que o servidor web em si utiliza no processamento normal das solicitações do cliente e as respostas do servidor. A sintaxe, propriedades e métodos do objecto Server ASP são as seguintes: Propriedades ScriptTimeout O ScriptTimeout define a propriedade ou retorna a quantidade máxima de tempo (em segundos) que o script na página pode ser executado antes de ser encerrado. Se o administrador não definir um valor para essa propriedade, o valor padrão é 90 segundos. Sintaxe: Session.Timeout[=nMinutes] 3

4 ASP (Application Server Provider) EFA Nível Secundário Tecnologias de Informação e Comunicação Multimédia (TICM) Formando: Fernando Duarte Métodos CreateObjet Executar GetLastError HTMLEncode MapPath Transferência Urlencode O método CreateObject cria uma instância do objecto (um componente, aplicativo ou um objecto de script) e retorna uma referência a ele. Uma vez instanciado, as propriedades deste objecto e métodos podem ser usados apenas com as propriedades e métodos dos objectos internos que vêm com o ASP. Sintaxe: Server.CreateObject(parâmetros) O método Execute executa outro ASP sem sair da página actual. Ele interrompe a execução da página actual e transfere o controle para a página especificada no URL. Depois de a página ter terminado a execução, o controle passa de novo para a página de chamada. O método GetLastError retorna um objecto ASP.Error que descreve a condição de erro que ocorreu. Sintaxe:Server.GetLastError() O método HTMLEncode aplica codificação HTML a uma cadeia de caracteres especificada. Todos os caracteres não-jurídicos HTML são convertidos para sua entidade HTML equivalente. Sintaxe:Server.HTMLEcode(String) O MapPath é o método que mapeia um caminho virtual especificado ou parente para um caminho físico no servidor. Sintaxe:Server.MapPath(caminho) O método de transferência interrompe a execução da página actual e envia todas as informações do estado actual para outra página especificado na URL. Ao contrário do método de execução, a execução não continua na página que chamar o método de transferência. Sintaxe:Server.Transfer(caminho) O método urlencode aplica regras de codificação de URL para uma seqüência de caracteres especificada. Todos os personagens que não são válidos em uma URL são convertidos para sua entidade HTML equivalente. Sintaxe:Server.URLEncode(string) REQUEST - Loops e condicionantes são muito úteis para processar os dados dentro do mesmo script. Muitas vezes necessitamos que nossos distintos scripts estejam conectados uns com outros e que se sirvam de variáveis comuns. O objecto Request providencia tudo que é relativo a entrada de dados ao script por parte do utilizador (formulários), provenientes de outra URL, do próprio servidor ou do browser. O utilizador interage por meio de formulários cujos campos serão processados para poder dar uma resposta. RESPONSE o script responde às entradas de dados provenientes do utilizador através do objecto Response, este objecto fica encarregue de processar devidamente os dados, podendo imprimi-los no ecrã, inscreve-los em cookies ou enviá-los para outras páginas. 4

5 ASP (Application Server Provider) EFA Nível Secundário Tecnologias de Informação e Comunicação Multimédia (TICM) Formando: Fernando Duarte Código ASP: SESSION <% 'Início da sessão e armazenar informações Session ("TimeVisited") = Time () Response.Write ("Você visitou este site em:" & Session ("TimeVisited"))%> Exposição: Você visitou este site em: 15:05:35 PROPRIEDADE SESSIONID - O SessionID é uma propriedade somente leitura que identifica cada sessão do utilizador actual. Cada sessão tem um identificador único que é gerado pelo servidor quando a sessão é criada e armazenada como um cookie na máquina do visitante. Código Asp: <% Dim mysessionid mysessionid =% Session.SessionID> PROPRIEDADE TIMEOUT - O limite de propriedade define ou retorna o tempo limite (em minutos) para o objeto Session nesta aplicação. Se o usuário não actualizar ou solicitar uma página dentro do tempo limite, a sessão termina. Pode ser alterado em páginas individuais, conforme necessário. Código Asp: <% Session.Timeout = 240 Response.Write ("O tempo limite é:" & Session.Timeout) %> Exposição: O tempo limite é: 240 MÉTODO ABANDON - O método Abandon é usado para destruir todos os objectos armazenados num objecto Session e libertar os recursos. Se o método Abandon não é explicitamente chamado, o servidor web irá manter todas as informações sobre a sessão até que a sessão expire. Código ASP: <% Session("name")="Hege" Session.Abandon Response.Write(Session("name")) %> Código ASP: <% Session ("name") ="Hege" Session ("date") ="2001/05/05" APPLICATION for each x in Session.Contents Response.Write(x & "=" & Session.Contents(x) & "<br />") next %> Exposição: name=hege date=2001/05/05 5

6 ASP (Application Server Provider) EFA Nível Secundário Tecnologias de Informação e Comunicação Multimédia (TICM) Formando: Fernando Duarte Como o objecto Application pode ser compartilhado por mais de um usuário, há Lock e Unlock métodos para garantir que vários usuários não tentem alterar uma propriedade, simultaneamente. MÉTODO LOCK Impede que outros utilizadores modifiquem as variáveis do objecto Application Código ASP: <% Application.Lock Application ("NumVisits") = Application ("NumVisits") + 1 Application ("datlastvisited") = Now () Application.Unlock %> Esta página foi visitada aplicação <% = Application ("NumVisits")%> vezes! MÉTODO UNLOCK - Permite que outros utilizadores modifiquem as variáveis do objecto Application (depois de ter sido bloqueado pelo método Lock) Código ASP: <% Application.Lock Application ("NumVisits") = Application ("NumVisits") + 1 Application ("datlastvisited") = Now () Application.Unlock %> Esta página foi visitada aplicação <% = Application ("NumVisits")%> vezes! CONCLUSÃO Como todo objecto do mundo real, os objectos do mundo informático têm suas propriedades que os definem, realizam um certo número de funções ou métodos e são capazes de responder de uma forma definível antes certos eventos. Desta forma, posso dizer que penso ter aprendido bastante, sobre ASP e também sobre linguagens de programação e como abordá-las. 6

7 Módulo: 0156 ASP Formando: Fernando Duarte Data: TRABALHO DE INDIVIDUAL: Explicar qual o objectivo do código apresentado durante a criação passo a passo do site desenvolvido nas aulas: 1) Ficheiro rodape.html <center> <br>sede Maia - Portugal <br> Copyright Todos os direitos reservados </center> Criar e centrar o rodapé em HTML

8 2) Ficheiro default.asp <table height="100%" width="100%"> <tr height="80%"> <td> <center> Entrar:<br/> <form method="post" action="login.asp"> Utilizador: <input type="text" name="nome" /> <br/> Password: <input type="password" name="senha" /> <p/> <input type="submit" name="envia" value="entrar" /> <input type="reset" name="envia" value="limpar" /> </form> </center> </td> </tr> <tr height="20%"> <td> <!--#include virtual="/luso/rodape.html"--> </td> </tr> </table> Este código tem por objectivo criar uma tabela centrada para a inserção do Utilizador e a Password. Quanto ao <!--#include virtua=" "--> tem por objectivo incluir o rodapé, igualmente centrado.

9 3) Ficheiro cabecalho.html <center><table border="0"> <tr><td colspan="3"><img src="./img/asp.gif" width="300" height="75"/></td> <td colspan="1"><a href="default.asp">voltar ao Login</a></td> </tr> <tr><td><a href="inserircons.asp">inserir utilizadores</a></td> <td><a href="alterar.asp">alterar/eliminar Utilizadores</a></td> <td><a href="produtos.asp">inserir/alterar/eliminar Produtos</a></td> <td><a href="procurar.asp">procurar Produtos</a></td> </tr> </table></center> Criar cabeçalho em HTML centrado numa tabela com uma imagem e atribuir hiperligações para ficheiros ".asp" aos botões Voltar ao Login, Inserir Utilizadores, Alterar/Eliminar Utilizadores, Inserir/Alterar/Eliminar Produtos e Procurar Produtos. 4) Ficheiro menu.asp <!--#include virtual="/luso/cabecalho.html"--> <center><br><br><br>ola???? <br><br><%= now %> <br><br><br>login realizado com sucesso!</center> <br><br> <!--#include virtual="/luso/rodape.html"--> O ficheiro menu.asp apresenta o cabeçalho, hora e data e a mensagem "Login realizado com sucesso! caso os dados estejam correctos no Login. Inclui também o rodapé.

10 5) Ficheiro login.asp <% Dim oconn,ors,filepath,i 'cria ADO Conection - ligação à base de dados Set oconn=server.createobject("adodb.connection") oconn.open "Provider=Microsoft.jet.OLEDB.4.0;Data Source=c:\bd\asp.mdb" 'executa a query SQL e guarda os resultados num recordset para apresentar Set ors=oconn.execute("select * from login where nome='" & Request.form("nome") & "' and senha='" & request.form("senha") & "'") %> <center> <%if not ors.eof then %> <% response.redirect("menu.asp") %> <% else %> <!--#include virtual="/luso/cabecalho.html"--> <center>utilizador não registado.<a href="inserircons.asp"> Registe-se </a></center> <% end if %> </center> <% ors.close oconn.close %> <!--#include virtual="/luso/rodape.html"--> Este ficheiro verifica a existencia do utilizador na base de dados e executa o login, caso o utilizador esteja registado ele faz a hiperligação para o ficheiro "menu.asp", caso contrário o utilizador terá que se registar no botão "Registe-se" que levará o utilizador ao ficheiro "inserircons.asp" onde o utilizador poderá fazer o seu registo. Inclui de igual forma o rodapé.

11 6) Ficheiro inserircons.asp <% Option Explicit Dim oconn, ors, filepath, Index 'cria ADO Conection - ligação à base de dados Set oconn=server.createobject("adodb.connection") oconn.open "Provider=Microsoft.jet.OLEDB.4.0;Data Source=c:\bd\asp.mdb" 'Executa a SQL query e guarda os resultados num recordset Set ors = oconn.execute("select * From login") %> <!--#include virtual="/luso/cabecalho.html"--> <center>listagem dos utilizadores registados na BD: <br><br><table border=1> <tr> <% 'Coloca o cabeçalho de cada coluna com o nome do campo For Index=0 to (ors.fields.count-1) %> <td><b><%=ors(index).name %></B></TD> <% next %></tr> <% 'Preenche a tabela com os registros Do while (Not ors.eof) %> <tr> <% For Index=0 to (ors.fields.count-1) %> <td valign=top><% = ors(index)%></td> <% next %></tr> <% ors.movenext Loop %> </table></center> <% ors.close oconn.close %> <!--#include virtual="/luso/rodape.html"--> Insere os dados do utilizador na base de dados, mostra também em tabela todos os utilizadores registados.

12 7) Ficheiro inserircons.asp - antes do Listagem de utilizadores: <center> Inserir Novos utilizadores: <form name="inserir" method="post" action="inserir.asp"> Nome:<input type="text" name="nome" value="" /><br> Senha:<input type="text" name="senha" value="" /><br> <input type="submit" name="inserir" value="inserir"/> <input type="submit" name="limpar" value="limpar"/> </form> <br> Listagem dos utilizadores registados na BD: Esta parte especifica deste ficheiro asp, permite ao utilizador colocar os seus dados (nome e senha).

13 8) Ficheiro Inserir.asp: <% Option Explicit Dim oconn, ors, filepath, Index 'cria ADO Conection - ligação à base de dados Set oconn=server.createobject("adodb.connection") oconn.open "Provider=Microsoft.jet.OLEDB.4.0;Data Source=c:\bd\asp.mdb" 'verificar se utilizador existe Set ors=oconn.execute("select * from login where nome='" & request.form("nome") & "'") if not ors.eof then response.write("utilizador já existente") else if (request.form("nome")<>"" and request.form("senha")<>"" ) Then oconn.execute("insert into login(nome, senha) values('" & request.form("nome") & "','" & request.form("senha") & "')") response.redirect("inserircons.asp") end if end if ors.close oconn.close %> Este ficheiro faz a ligação á base de dados verifica a existência do utilizador e redirecciona-o se for caso disso (se ele não existir) para o ficheiro inserircons.asp.

14 9) Criar tabela produto e colocar as imagens na pasta img. 10) Ficheiro Produtos.asp (parte I) <% Option Explicit Dim oconn, ors, filepath, Index 'cria ADO Conection - ligação à base de dados Set oconn=server.createobject("adodb.connection") oconn.open "Provider=Microsoft.jet.OLEDB.4.0;Data Source=c:\bd\asp.mdb" ' Executa a SQL query e guarda os resultados num recordset Set ors = oconn.execute("select * From produto") %> <!--#include virtual="/luso/cabecalho.html"--> <center> Listagem dos produtos registados na BD: <br><br><table border='1' > <tr><% 'Coloca o cabeçalho de cada coluna com o nome do campo For Index=0 to (ors.fields.count-1) %> <td><b><%=ors(index).name %></B></TD> <% next %></tr> <% 'Preenche a tabela com os registros Do while (Not ors.eof) %> <tr><form name="alterar" method="post" action="produtos.asp" /> <td><input type="text" name="codigo" value="<%=ors("codprod")%>" readonly=true /></td> <td><input type="text" name="nome" value="<%=ors("nome")%>" /></td> <td><input type="text" name="preco" value="<%=ors("preco")%>" /></td> <td><input type="image" src="./img/<%=ors("foto")%>" height="50" width="50"></td> <td><input type="submit" name="alterar" value="alterar"/></td> <td><input type="submit" name="eliminar" value="eliminar"/></td> <td><input type="reset" name="cancelar" value="cancelar"/></td> </form></tr> <% ors.movenext Loop %> </table></center> <% ors.close oconn.close %> <!--#include virtual="/luso/rodape.html"-->

15 O ficheiro "produtos.asp" permite não só verificar os produtos existentes na base de dados, bem como, inserir novos produtos na base de dados. 11) Ficheiro Produtos.asp (parte II) oconn.open "Provider=Microsoft.Jet.OLEDB.4.0;Data Source=" & filepath if request.form("alterar")<>"" and request.form("alterar")="alterar" then oconn.execute("update produto set nome='" & request.form("nome") & "', preco=" & request.form("preco") & " where codprod= " & request.form("codigo") & "") end if if request.form("eliminar")<>"" and request.form("eliminar")="eliminar" then oconn.execute("delete * from produto where codprod=" & request.form("codigo") & "") end if ' Executa a SQL query e guarda os resultados num recordset As linhas de código acima permitem alterar o nome, o preço ou o codigo dos produtos existentes em base de dados, e também, eliminar produtos através do código.

16 12) Ficheiro Produtos.asp (parte III) <% ors.movenext Loop %> <tr><form name="inserir" method="post" action="produtos.asp"> <td><input type="text" name="" value="na" readonly=true /></td> <td><input type="text" name="nome" /></td> <td><input type="text" name="preco" /></td> <td><input type="file" name="ficheiro" size="5" /></td> <td><input type="submit" name="inserir" value="inserir"/></td> <td><input type="reset" name="cancelar" value="cancelar"/><td> </form></tr> </table></center> As linhas de código permitem ao utilizador inserir o nome, o preço e a foto de um produto no ficheiro "produtos.asp", através do método "post". 13) Ficheiro Produtos.asp (parte IV) oconn.open "Provider=Microsoft.Jet.OLEDB.4.0;Data Source=" & filepath if request.form("inserir")<>"" and request.form("inserir")="inserir" then oconn.execute("insert into produto(nome, preco) values('" & request.form("nome") & "'," & request.form("preco") & ")") end if if request.form("alterar")<>"" and request.form("alterar")="alterar" then

17 O código insere ou altera os valores do nome e do preço na tabela produto da base de dados.

18 14) Ficheiro procurar.asp (Parte I) <% Dim oconn, ors, filepath, Index Set oconn=server.createobject("adodb.connection") oconn.open "Provider=Microsoft.jet.OLEDB.4.0;Data Source=c:\bd\asp.mdb" %> <!--#include virtual="/luso/cabecalho.html"--> <center>produtos: <table border='1' > <tr><% For Index=1 to (ors.fields.count-1) %> <td><img src="./img/<%=ors("foto")%>" height="100" width="100" /></td> <td align=center><b>nome:</b><%=ors("nome") %><br> <b>preco:</b><%=ors("preco") %> <form name="comprar" method="post" action="carrinho.asp"> <input type=hidden name="codprod" value="<%=ors("codprod")%>"> <b>qtde:</b><br><input type="text" name="qtde" value="" size="1"/> <br><input type="image" src="./img/carrinho.gif"> </form></td> <% if index mod 3 = 0 then %> </tr><tr> <% end if ors.movenext next %> </tr> </table> </center> <% ors.close oconn.close %> <!--#include virtual="/luso/rodape.html"-->

19 Permite fazer a procura de produtos por nome, preço ou código e comprar produtos e escolher quantidades.

20 15) Ficheiro procurar.asp (Parte II) oconn.open "Provider=Microsoft.Jet.OLEDB.4.0;Data Source=" & filepath ' Executa a SQL query e guarda os resultados num recordset if request.form("nome")<>"" then Set ors = oconn.execute("select * From produto where nome='" & request.form("nome") & "'") else Set ors = oconn.execute("select * From produto") end if %> <center> Procurar Produtos: <form name="procurar" method="post" action="procurar.asp"> Categoria:<select name="categoria"> <option value="todos" selected>todos</option> </select> Nome:<input type="text" name="nome" value="" /> <input type="submit" name="procurar" value="procurar"/> <input type="submit" name="limpar" value="limpar"/> </form> <br> Produtos: A primeira parte é o código que selecciona o produto através do nome na tabela "produto" na base de dados. A segunda parte possibilita ao utilizador fazer a busca inserir o nome do produto.

21 16) Alterar ficheiro login.asp: <%if not ors.eof then %> <% session("id")=session.sessionid session("nome")=request.form("nome") response.redirect("menu.asp") %> Regista o inicio da sessão e redirecciona para o ficheiro "menu.asp". 17) Alterar ficheiro menu.asp: <center> <br><br><b>ola:</b><%=session("nome") %> <br><br><b>sessao ID:</b><%=Session("id") %> <br><br><%= now %> <br><br><b>browser:</b><br><%=request.servervariables("http_user_age NT") %> <br><br><b> Request.ServerVariables("HTTPS") %> <br><br><b>server_software:</b><%= Request.ServerVariables("SERVER_SOFTWARE") %> <br><br><br>login realizado com sucesso! Identifica o Utilizador e o ID da sessão, bem como verifica a autenticidade do browser e do servidor.

22 18) Alterar ficheiros inserir.asp, inserircons.asp, procurar.asp, produtos,asp: <% Option Explicit if Session("id")<>0 then Dim oconn, ors, filepath, Index. oconn.close else %> <br><center> utilizador não autorizado. Faça <a href="default.asp">login</a> ou <a href="inserircons.asp">regista-se</a>. </center><br> <% end if %> Serve para obrigar ào login por parte dos utilizadores, caso contrario a sessão encerra. 19) Alterar login.jsp: <% Session.Abandon %> Encerra a sessão e elimina todos os registo dessa sessão. 20) Alterar nome do ficheiro cabecalho.html para.asp: <td colspan="3"><img src="./img/asp.gif" width="300" height="75"/></td> <td colspan="1" align=center>(<%=session("nome") %>)<br><a href="default.asp">voltar ao Login</a></td> </tr>

23 Altera a instância do ficheiro de HTML para ASP.

2.) Listagem Página a Página

2.) Listagem Página a Página Exemplos para construção de páginas em ASP 1.) Abertura de uma Base de Dados O código necessário para fazer a abertura de uma Base de Dados Access e execução de uma string SQL é muito simples. No exemplo

Leia mais

Programação web Prof. Wladimir

Programação web Prof. Wladimir Programação web Prof. Wladimir Linguagem PHP Cookie e Sessão @wre2008 1 Sumário Header; Cookie; Sessão; Exemplos. @wre2008 2 Header Esta função permite que um script php redirecione para outra página.

Leia mais

FMH Mestrado Gestão do Desporto Sistemas de Informação

FMH Mestrado Gestão do Desporto Sistemas de Informação FMH Mestrado Gestão do Desporto Sistemas de Informação Ficha prática PHP/MySQL 2 Continuação da criação de uma base de dados em MySQL, com vários contactos e números de telefone. Tarefas: criar, alterar

Leia mais

Programação para Internet I

Programação para Internet I Programação para Internet I Aulas 09 e 10 Fernando F. Costa nando@fimes.edu.br Formulários O formulário representa o modo mais importante de interatividade que a linguagem HTML oferece. Um formulário pode

Leia mais

Basicamente iremos precisar de uma base de dados na qual iremos armazenar os registros feitos pelos vistantes: Vamos armazenar os seguintes dados:

Basicamente iremos precisar de uma base de dados na qual iremos armazenar os registros feitos pelos vistantes: Vamos armazenar os seguintes dados: Livro de Visitas Basicamente iremos precisar de uma base de dados na qual iremos armazenar os registros feitos pelos vistantes: Vamos armazenar os seguintes dados: ID nome email mensagem data O código

Leia mais

SISTEMA GERENCIAMENTO DE PRODUTOS PHP E MySQL 1. APRESENTAÇÃO

SISTEMA GERENCIAMENTO DE PRODUTOS PHP E MySQL 1. APRESENTAÇÃO SISTEMA GERENCIAMENTO DE PRODUTOS PHP E MySQL 1. APRESENTAÇÃO Este é um sistema de controle de produtos, onde o usuário irá entrar com o login e a senha, e se ele for um usuário cadastrado na tabela usuários

Leia mais

MOTOR DE BUSCA USANDO FLASH+ASP

MOTOR DE BUSCA USANDO FLASH+ASP MOTOR DE BUSCA USANDO FLASH+ASP Introdução Com este tutorial irás aprender a fazer um motor de busca usando ASP + Flash + Base de dados Access. Muito útil para encontrar dados e informações nas bases de

Leia mais

Curso De PHP. Aula 4. Formulários. Cookies. Session. Mail

Curso De PHP. Aula 4. Formulários. Cookies. Session. Mail Curso De PHP Aula 4 Formulários Cookies Session Mail Formulários Nós preenchemos diariamente diversos formulários web, seja para se logar e-mail ou criar uma conta em um site. Nesta parte do curso, vamos

Leia mais

Aula 05 HTML FORMULÁRIOS Prof. Daniela Pires Sumário

Aula 05 HTML FORMULÁRIOS Prof. Daniela Pires Sumário Sumário FORMULÁRIO EM HTML... 2 FORM... 2 ACTION... 2 METHOD... 2 INPUT... 2 INPUT TYPE TEXT... 2 INPUT TYPE PASSWORD... 2 CHECKBOX - Múltipla escolha... 4 RADIO - Escolha única... 4 Botões de ação...

Leia mais

COMO FUNCIONA UM FORMULÁRIO

COMO FUNCIONA UM FORMULÁRIO FORMULÁRIOS Constitui-se numa das formas de a máquina cliente enviar informações para que um programa no servidor receba estes dados, processe-os e devolva uma resposta ao usuário, por meio do navegador,

Leia mais

Guia do RepositorioDocumento

Guia do RepositorioDocumento Módulo: RepositorioDocumento.Cls_Repositorio Versão: 1.0.0 Data: 16/05/2003 Analista: João Augusto de Moura DBA: Maria Cristina de Oliveira Zimmermann Coordenador: Alex Albert Henchel Gerente Operacional:

Leia mais

O código acima descreve o formulário com uma caixa de texto e dois botões

O código acima descreve o formulário com uma caixa de texto e dois botões Formulários Formulários permitem que os usuários interajam com um servidor Web passando informações. Assim, através da Web, se pode ler e gravar informações em Banco de Dados, gerando enormes possibilidades

Leia mais

HTML -- Criação de Home Page

HTML -- Criação de Home Page PPáággi innaa 1 LISTAS Na linguagem HTML existem elementos específicos para a criação de listas, que podem ser listas ordenadas (OL), listas sem ordenação (UL), ou listas de definição (DL). Um detalhe

Leia mais

ASP. Active Server Page. Scripts. ASP teoricamente suportaria qualquer linguagem de script, mas na prática os aceitados são. VBScript MS JScript

ASP. Active Server Page. Scripts. ASP teoricamente suportaria qualquer linguagem de script, mas na prática os aceitados são. VBScript MS JScript ASP Active Server Page Lirisnei Gomes de Sousa lirisnei@hotmail.com Jair C Leite jair@dimap.ufrn.br Scripts ASP teoricamente suportaria qualquer linguagem de script, mas na prática os aceitados são VBScript

Leia mais

Programação WEB II. Sessions e Cookies. progweb2@thiagomiranda.net. Thiago Miranda dos Santos Souza

Programação WEB II. Sessions e Cookies. progweb2@thiagomiranda.net. Thiago Miranda dos Santos Souza Sessions e Cookies progweb2@thiagomiranda.net Conteúdos Os materiais de aula, apostilas e outras informações estarão disponíveis em: www.thiagomiranda.net Cookies e Sessions Geralmente, um bom projeto

Leia mais

Trabalho do Grupo Nº 3

Trabalho do Grupo Nº 3 UNIVERSIDADE KIMPA VITA ESCOLA SUPERIOR POLITÉCNICA DO UIGE DEPARTAMENTO DOS ASSUNTOS ACADÉMICO Trabalho do Grupo Nº 3 Caso prático Curso: Engenharia Informática Nível: 4º Ano Sala: 30 Orientado Por: Ano

Leia mais

Bool setcookie (string nome [, string valor [, int validade [, string caminho [, string dominio [, int seguro]]]]] )

Bool setcookie (string nome [, string valor [, int validade [, string caminho [, string dominio [, int seguro]]]]] ) Disciplina: Tópicos Especiais em TI PHP Este material foi produzido com base nos livros e documentos citados abaixo, que possuem direitos autorais sobre o conteúdo. Favor adquiri-los para dar continuidade

Leia mais

INTRODUÇÃO AO DESENVOLVIMENTO WEB

INTRODUÇÃO AO DESENVOLVIMENTO WEB INTRODUÇÃO AO DESENVOLVIMENTO WEB PROFª. M.Sc. JULIANA H Q BENACCHIO Formulários Os formulários em HTML são usados para selecionar diferentes tipos de entradas do usuário. Um formulário é uma área que

Leia mais

Conteúdo Dinâmico. Introdução. Interação Browser x Servidor Web. Interação Browser x Servidor Web

Conteúdo Dinâmico. Introdução. Interação Browser x Servidor Web. Interação Browser x Servidor Web Introdução Formulários rios & Conteúdo Dinâmico Mário Antonio Meireles Teixeira Dept o. de Informática - UFMA A Web surgiu inicialmente como uma nova forma de comunicação de informações, fazendo uso de

Leia mais

0,5 pelo negrito das palavras ID, Nome, E-mail e Analisar em outro momento.

0,5 pelo negrito das palavras ID, Nome, E-mail e Analisar em outro momento. IFES - Campus Cachoeiro de Itapemirim-ES Curso Técnico em Informática Disciplina: Programação Web Professor: Flávio Izo e Rafael Vargas Data: 07/04/2015 Aluno: GABARITO Valor: 12,5 Conteúdo: HTML + Formulários

Leia mais

Mini-curso de PHP. Aulas ministradas por: André Luis de Paula Arthur Kalsing Diego Silva

Mini-curso de PHP. Aulas ministradas por: André Luis de Paula Arthur Kalsing Diego Silva Mini-curso de PHP Aulas ministradas por: André Luis de Paula Arthur Kalsing Diego Silva Aula 1 Breve introdução de HTML, Conceitos básicos de PHP, Sintaxe, Separador de instruções e Comentários (Cap 1

Leia mais

FORMULÁRIOS HTML (FORMS) E ENTRADAS DE DADOS (INPUT)

FORMULÁRIOS HTML (FORMS) E ENTRADAS DE DADOS (INPUT) FORMULÁRIOS HTML (FORMS) E ENTRADAS DE DADOS (INPUT) Formulários (FORMS): Um formulário é uma área que pode conter elementos de formulário. Elementos de formulário são elementos que permitem ao usuário

Leia mais

Bases de Dados. Lab 7: Desenvolvimento de aplicações com PHP

Bases de Dados. Lab 7: Desenvolvimento de aplicações com PHP Departamento de Engenharia Informática 2013/2014 Bases de Dados Lab 7: Desenvolvimento de aplicações com PHP 1º semestre Este lab é uma continuação dos anteriores. Se realizou os labs anteriores, a base

Leia mais

Os componentes de um formulário são: Form, Input, Select e AreaText

Os componentes de um formulário são: Form, Input, Select e AreaText HTML Formulário O elemento FORM, da HTML, é o responsável por prover documentos interativos no ambiente WWW de forma que uma pagina web exibida a um usuário possa submeter um conjunto de dados, informados

Leia mais

Apresentação de REDES DE COMUNICAÇÃO

Apresentação de REDES DE COMUNICAÇÃO Apresentação de REDES DE COMUNICAÇÃO Curso Profissional de Técnico de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos MÓDULO VII Acesso a Bases de Dados via Web Duração: 50 tempos Conteúdos (1) Conceitos

Leia mais

Programação Web Prof. Wladimir

Programação Web Prof. Wladimir Programação Web Prof. Wladimir HTML - Formulários @wre2008 1 Sumário Formulários HTML @wre2008 2 Formulários: Muitos elementos de um formulário html são definidos pela tag . Cada tipo de elemento

Leia mais

6. Introdução à Linguagem PHP

6. Introdução à Linguagem PHP 6. Introdução à Linguagem PHP A comunicação na Web exige dois agentes: o cliente web e o servidor web. O cliente requer informação (a partir de uma página HTML acessada pelo navegador) e o servidor fornece

Leia mais

www.coldfusionbrasil.com.br

www.coldfusionbrasil.com.br www.coldfusionbrasil.com.br 2000 TRABALHANDO COM E-MAILS 3 ENVIANDO E-MAILS COM CFMAIL 3 ENVIANDO E-MAIL BASEADO EM UM FORMULÁRIO 4 UTILIZANDO QUERY PARA ENVIAR E-MAILS 5 ENVIANDO E-MAIL PARA MÚLTIPLOS

Leia mais

Manual de Administração Intranet BNI

Manual de Administração Intranet BNI Manual de Administração Intranet BNI Fevereiro - 2010 Índice 1. Apresentação... 3 2. Conceitos... 5 3. Funcionamento base da intranet... 7 3.1. Autenticação...8 3.2. Entrada na intranet...8 3.3. O ecrã

Leia mais

Lista de Revisão. 3. Analise a afirmativa a seguir como verdadeira ou falsa e justifique.

Lista de Revisão. 3. Analise a afirmativa a seguir como verdadeira ou falsa e justifique. Lista de Revisão 1. Nos sistemas web, geralmente os usuários apresentam dois problemas típicos, a desorientação e a sobrecarga cognitiva. Discorra sobre esses problemas. 2. Apresente as principais diferenças

Leia mais

mkdir /srv/www/default/html/calculadora/imagens mkdir /srv/www/default/html/calculadora/blocos

mkdir /srv/www/default/html/calculadora/imagens mkdir /srv/www/default/html/calculadora/blocos Programando em PHP www.guilhermepontes.eti.br lgapontes@gmail.com Criando uma Calculadora Primeiramente deve se criar uma estrutura para armazenar os arquivos necessários para o funcionamento da calculadora.

Leia mais

Scriptlets e Formulários

Scriptlets e Formulários 2 Scriptlets e Formulários Prof. Autor: Daniel Morais dos Reis e-tec Brasil Programação Avançada Para Web Página1 Meta Permitir ao aluno aprender a criar um novo projeto Java para web no Netbeans IDE,

Leia mais

PROJECTO ASP - Site MDB.com - Loja Online

PROJECTO ASP - Site MDB.com - Loja Online Microsoft Windows 7 Configuração do IIS e Ligação ODBC Microsoft Access 2007 Criação da Base de Dados, Tabelas e Relações Adobe Photpshop CS4 Manipulação das Imagens utilizadas no site Adobe Illustrator

Leia mais

Segurança em Sistemas Web. Addson A. Costa

Segurança em Sistemas Web. Addson A. Costa Segurança em Sistemas Web Addson A. Costa Spoofing de formulários Spoofing consiste em falsificação, por exemplo, na área de redes um computador pode roubar o IP de outro e assim fazer-se passar por ele.

Leia mais

Web Design Aula 09: Formulários

Web Design Aula 09: Formulários Web Design Aula 09: Formulários Professora: Priscilla Suene priscilla.silverio@ifrn.edu.br Motivação Roteiro Tag ... Tag Tag ... Rádio Checkbox Atributo name Form Um

Leia mais

Guia de Consulta Rápida ASP. Rubens Prates. Novatec Editora. www.novateceditora.com.br

Guia de Consulta Rápida ASP. Rubens Prates. Novatec Editora. www.novateceditora.com.br Guia de Consulta Rápida ASP Rubens Prates Novatec Editora www.novateceditora.com.br Guia de Consulta Rápida ASP de Rubens Prates Copyright@2000 da Novatec Editora Ltda. Todos os direitos reservados. É

Leia mais

Ferramentas para Multimídia e Internet - 1486

Ferramentas para Multimídia e Internet - 1486 1 Ferramentas para Multimídia e Internet - 1486 HTML BÁSICO: O que é uma página WEB? Uma página WEB, também conhecida pelo termo inglês webpage, é uma "página" na World Wide Web, geralmente em formato

Leia mais

Programação Orientada a Objetos com PHP & MySQL Cookies e Sessões. Prof. MSc. Hugo Souza

Programação Orientada a Objetos com PHP & MySQL Cookies e Sessões. Prof. MSc. Hugo Souza Programação Orientada a Objetos com PHP & MySQL Cookies e Sessões Prof. MSc. Hugo Souza Se você precisar manter informações sobre seus usuários enquanto eles navegam pelo seu site, ou até quando eles saem

Leia mais

COLIBRI Ambiente Colaborativo Multimédia MÓDULO MOODLE. Rui Ribeiro colibri@fccn.pt. FCCN - Dezembro 2010

COLIBRI Ambiente Colaborativo Multimédia MÓDULO MOODLE. Rui Ribeiro colibri@fccn.pt. FCCN - Dezembro 2010 COLIBRI Ambiente Colaborativo Multimédia MÓDULO MOODLE FCCN - Dezembro 2010 Rui Ribeiro colibri@fccn.pt Módulo COLIBRI Concebido por: José Coelho Universidade Aberta Apoiado por: Rui Ribeiro FCCN Vitor

Leia mais

SIMULADOS & TUTORIAIS

SIMULADOS & TUTORIAIS SIMULADOS & TUTORIAIS TUTORIAIS HTML Como criar formulários em HTML Copyright 2013 Todos os Direitos Reservados Jorge Eider F. da Silva Proibida a reprodução deste documento no todo ou em parte por quaisquer

Leia mais

PROGRAMAÇÃO WEB DO LADO DO CLIENTE

PROGRAMAÇÃO WEB DO LADO DO CLIENTE PROGRAMAÇÃO WEB DO LADO DO CLIENTE FORMULÁRIO Na linguagem HTML é permitido que o usuário interaja com o servidor através de formulários ligados a scripts desenvolvidos em linguagens como PHP, Servlets,

Leia mais

HTML - 7. Vitor Vaz da Silva Paula Graça

HTML - 7. Vitor Vaz da Silva Paula Graça HTML - 7 Vitor Vaz da Silva Paula Graça 1 Formulários Os formulários forms no HTML, são utilizados para a introdução de dados de uma determinada aplicação Os programas JavaScript têm como um dos seus maiores

Leia mais

P S I 2. º A N O F 5 M E S T R E / D E T A L H E E P E S Q U I S A. Criar uma relação mestre-detalhe. Pesquisa de informação

P S I 2. º A N O F 5 M E S T R E / D E T A L H E E P E S Q U I S A. Criar uma relação mestre-detalhe. Pesquisa de informação P S I 2. º A N O F 5 M E S T R E / D E T A L H E E P E S Q U I S A Módulo 18 Ferramentas de Desenvolvimento de Páginas Web Criar uma relação mestre-detalhe 1. Cria uma cópia da página «listaferram.php»

Leia mais

ASP - Active Server Pages

ASP - Active Server Pages ASP - Active Server Pages O PROBLEMA Introdução Anos 60, auge da guerra fria, o governo americano através de seu Departamento de Defesa e da recém criada ARPA (Agência de Projetos de Pesquisa Avançada),

Leia mais

Sub AcessaWeb(url, x) ' recebe uma url para pesquisar e devolve uma planilha ' Solicita a criação da planilha x

Sub AcessaWeb(url, x) ' recebe uma url para pesquisar e devolve uma planilha ' Solicita a criação da planilha x Aula 1 Planilha para Incluir / Excluir / Consultar dados em uma agenda telefônica (Nome, Endereço, Telefone) residindo em Banco de dados Access ou na WEB (usando um banco espelho no meu site, e uma página

Leia mais

Portal AEPQ Manual do utilizador

Portal AEPQ Manual do utilizador Pedro Gonçalves Luís Vieira Portal AEPQ Manual do utilizador Setembro 2008 Engenharia Informática - Portal AEPQ Manual do utilizador - ii - Conteúdo 1 Introdução... 1 1.1 Estrutura do manual... 3 1.2 Requisitos...

Leia mais

HTML: Listas, Tabelas e Formulários CST Sistemas para Internet

HTML: Listas, Tabelas e Formulários CST Sistemas para Internet HTML: Listas, Tabelas e Formulários CST Sistemas para Internet Marx Gomes Van der Linden ( Material baseado no original de Marcelo José Siqueira Coutinho de Almeida ) Listas Listas de itens são bastante

Leia mais

NEWSLETTER USANDO FLASH+ASP

NEWSLETTER USANDO FLASH+ASP NEWSLETTER USANDO FLASH+ASP Introdução Com este tutorial irás aprender a fazer um sistema de newsletter. Usando ASP + Flash + Base de dados Access. Muito útil para manter os membros informados de actualizações

Leia mais

Validação de formulários utilizando Javascript

Validação de formulários utilizando Javascript Validação de formulários utilizando Javascript A validação de formulários é um dos usos mais comuns na programação Javascript. A validação de dados por meio da programação Javascript é muito fácil e rápida

Leia mais

GUIA PHP com MYSQL Autor: Everton Mendes Messias

GUIA PHP com MYSQL Autor: Everton Mendes Messias PHP (Hypertext Preprocessor) : Linguagem de programação interpretada. Tags PHP: phpinfo(); Comentários: //, # - comentário de uma linha /* comentário de várias linhas */ GUIA PHP com MYSQL Autor: Everton

Leia mais

Programando em PHP. Conceitos Básicos

Programando em PHP. Conceitos Básicos Programando em PHP www.guilhermepontes.eti.br lgapontes@gmail.com Conceitos Básicos Todo o escopo deste estudo estará voltado para a criação de sites com o uso dos diversos recursos de programação web

Leia mais

Introdução. HyperText Markup Language HTML. Formulário. Fluxo do Formulário. Fluxo do Formulário. Fluxo do Formulário. Fluxo do Formulário

Introdução. HyperText Markup Language HTML. Formulário. Fluxo do Formulário. Fluxo do Formulário. Fluxo do Formulário. Fluxo do Formulário Introdução HyperText Markup Language HTML Formulário Prof. Luis Nícolas de Amorim Trigo nicolas.trigo@ifsertao-pe.edu.br http://professor.ifsertao-pe.edu.br/nicolas.trigo/ O usuário interage com os serviços

Leia mais

Capítulo 4. Programação em ASP

Capítulo 4. Programação em ASP Índice: CAPÍTULO 4. PROGRAMAÇÃO EM ASP...2 4.1 REGISTRAR...2 4.1.1 Códigos para configuração do objeto...2 4.1.2 Formulário para transferir dados da impressão digital...3 4.1.3 Código Javascript para registro

Leia mais

TUTORIAL. Como criar um blogue/página pessoal no WordPress

TUTORIAL. Como criar um blogue/página pessoal no WordPress TUTORIAL Como criar um blogue/página pessoal no WordPress Índice Criar o blogue... 3 Alterar as definições gerais... 4 Alterar tema... 6 Criar Páginas... 7 Colocar Posts (citações)... 9 Upload de ficheiros...

Leia mais

Programação Web Prof. Wladimir

Programação Web Prof. Wladimir Programação Web Prof. Wladimir Linguagem de Script e PHP @wre2008 1 Sumário Introdução; PHP: Introdução. Enviando dados para o servidor HTTP; PHP: Instalação; Formato básico de um programa PHP; Manipulação

Leia mais

PHP (Seções, Cookies e Banco de Dados)

PHP (Seções, Cookies e Banco de Dados) PHP (Seções, Cookies e Banco de Dados) André Tavares da Silva andre.silva@udesc.br Seções Basicamente, as seções são métodos que preservam determinados dados ativos enquanto o navegador do cliente estiver

Leia mais

7. Recursos PHP para a Internet

7. Recursos PHP para a Internet 7. Recursos PHP para a Internet Protocolo HTTP. Na aula passada vimos um script simples de autenticação de usuários. Neste script foi usado o tag META para passar uma URL ao servidor web. A linguagem PHP

Leia mais

ASP Active Server Pages. ASP (Active Server Pages)

ASP Active Server Pages. ASP (Active Server Pages) ASP Active Server Pages Prof. Sérgio Rodrigues ASP (Active Server Pages) É um ambiente de programação por scripts que rodam no servidor: IIS Internet Information Services PWS Personal Web Server Utiliza

Leia mais

Direcção Regional de Educação do Algarve

Direcção Regional de Educação do Algarve MÓDULO 1 Folha de Cálculo 1. Introdução à folha de cálculo 1.1. Personalização da folha de cálculo 1.2. Estrutura geral de uma folha de cálculo 1.3. O ambiente de da folha de cálculo 2. Criação de uma

Leia mais

AULA APLICAÇÕES PARA WEB SESSÕES E LOGIN E SENHA

AULA APLICAÇÕES PARA WEB SESSÕES E LOGIN E SENHA Sumário Construção de sistema Administrativo... 1 Sistema de Login... 2 SQL INJECTION... 2 Técnicas para Evitar Ataques... 2 Formulário de Login e Senha fará parte do DEFAULT... 5 LOGAR... 5 boas... 6

Leia mais

2.9. PHP Cookies e variáveis de sessão

2.9. PHP Cookies e variáveis de sessão Programação para a Internet II 2.9. PHP Cookies e variáveis de sessão Nuno Miguel Gil Fonseca nuno.fonseca@estgoh.ipc.pt Cookies Uma cookie mais não é do que um ficheiro que é criado por determinado site

Leia mais

GUÍA PARA UTILIZAR A WEBNODE EDU

GUÍA PARA UTILIZAR A WEBNODE EDU GUÍA PARA UTILIZAR A WEBNODE EDU Imagina que queres criar o teu próprio site. Normalmente, terías que descarregar e instalar software para começar a programar. Com a Webnode não é preciso instalar nada.

Leia mais

Manual do Usuário. E-DOC Peticionamento Eletrônico TST

Manual do Usuário. E-DOC Peticionamento Eletrônico TST E-DOC Peticionamento APRESENTAÇÃO O sistema E-DOC substituirá o atual sistema existente. Este sistema permitirá o controle de petições que utiliza certificado digital para autenticação de carga de documentos.

Leia mais

Desenvolvedor Web Docente André Luiz Silva de Moraes

Desenvolvedor Web Docente André Luiz Silva de Moraes Roteiro 2: Introdução a Linguagem HTML Neste roteiro é explorada a linguagem HTML. A linguagem HTML (Hypertext Markup Language) é amplamente utilizada na construção de páginas de internet e é responsável

Leia mais

Curso de PHP. FATEC - Jundiaí

Curso de PHP. FATEC - Jundiaí Curso de PHP FATEC - Jundiaí Cookies Cookies são arquivos texto que podem ser armazenados no computador or do usuário, para serem recuperados posteriormente pelo servidor no qual seu site está hospedado.

Leia mais

Reconhecer alguns dos objectos VBA Automatizar bases de dados recorrendo à programação VBA e scripts SQL

Reconhecer alguns dos objectos VBA Automatizar bases de dados recorrendo à programação VBA e scripts SQL OBJECTIVOS Reconhecer alguns dos objectos VBA Automatizar bases de dados recorrendo à programação VBA e scripts SQL O objecto DOCMD Este objecto permite o acesso a todas as operações sobre todos os objectos

Leia mais

Formulários em HTML - O que são e para que servem

Formulários em HTML - O que são e para que servem Formulários em HTML - O que são e para que servem A tag - Os atributos action e method A primeira coisa que iremos fazer é usar a tag para podermos usarmos formulários. Antes de entrarmos

Leia mais

Ajax Asynchronous JavaScript and Xml

Ajax Asynchronous JavaScript and Xml Ajax Asynchronous JavaScript and Xml Ajax permite construir aplicações Web mais interativas, responsivas, e fáceis de usar que aplicações Web tradicionais. Numa aplicação Web tradicional quando se prime

Leia mais

Extracção de Anúncios e Notificação de Utilizadores do Site do Emprego Científico da Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Extracção de Anúncios e Notificação de Utilizadores do Site do Emprego Científico da Fundação para a Ciência e a Tecnologia Extracção de Conhecimento da Internet Mestrado em Inteligência Artificial e Computação Extracção de Anúncios e Notificação de Utilizadores do Site do Emprego Científico da Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Leia mais

Desenvolvimento de Sites com PHP e Mysql Docente André Luiz Silva de Moraes

Desenvolvimento de Sites com PHP e Mysql Docente André Luiz Silva de Moraes Roteiro 2: Introdução a Linguagem HTML Desenvolvimento de Sites com PHP e Mysql Neste roteiro é explorada a linguagem HTML. A linguagem HTML (Hypertext Markup Language) é amplamente utilizada na construção

Leia mais

Curso de Iniciação ao Access Basic (I) CONTEÚDOS

Curso de Iniciação ao Access Basic (I) CONTEÚDOS Curso de Iniciação ao Access Basic (I) CONTEÚDOS 1. A Linguagem Access Basic. 2. Módulos e Procedimentos. 3. Usar o Access: 3.1. Criar uma Base de Dados: 3.1.1. Criar uma nova Base de Dados. 3.1.2. Criar

Leia mais

Manual de Utilizador. Disciplina de Projecto de Sistemas Industriais. Escola Superior de Tecnologia. Instituto Politécnico de Castelo Branco

Manual de Utilizador. Disciplina de Projecto de Sistemas Industriais. Escola Superior de Tecnologia. Instituto Politécnico de Castelo Branco Escola Superior de Tecnologia Instituto Politécnico de Castelo Branco Departamento de Informática Curso de Engenharia Informática Disciplina de Projecto de Sistemas Industriais Ano Lectivo de 2005/2006

Leia mais

Exercícios Práticos de HTML e JavaScript. <FORM ACTION="mailto:teste@gmail.com" METHOD="POST" ENCTYPE="text/plain" NAME="cadastro">

Exercícios Práticos de HTML e JavaScript. <FORM ACTION=mailto:teste@gmail.com METHOD=POST ENCTYPE=text/plain NAME=cadastro> Exercícios Práticos de HTML e JavaScript Exercício 1: Formulário Padrão HTML SEM JavaScript

Leia mais

Tarefa Orientada 1 Base de Dados Editora

Tarefa Orientada 1 Base de Dados Editora Tarefa Orientada 1 Base de Dados Editora Objectivos: Criar as tabelas da base de dados Editora Criar o diagrama da base de dados Editora Inserir registos com os dados de teste Criar as tabelas da base

Leia mais

ftp://ftp.cr-df.rnp.br/pub/netinfo/training/rnp/kit-bsb/html/guia3.zip dezembro 1995 Tutorial - Autoria em World Wide Web

ftp://ftp.cr-df.rnp.br/pub/netinfo/training/rnp/kit-bsb/html/guia3.zip dezembro 1995 Tutorial - Autoria em World Wide Web RNP REDE NACIONAL DE PESQUISA Centro Regional de Brasília CR/DF ftp://ftp.cr-df.rnp.br/pub/netinfo/training/rnp/kit-bsb/html/guia3.zip dezembro 1995 Tutorial - Autoria em World Wide Web Parte III - Hypertext

Leia mais

JDBC Java Database Connectivity

JDBC Java Database Connectivity 5 JDBC Java Database Connectivity Prof. Autor: Daniel Morais dos Reis e-tec Brasil Programação Avançada Para Web Página1 Meta Trabalhar com bancos de dados em aplicações web em JSP através das classes

Leia mais

Passos Preliminares: Acessando a máquina virtual via ssh.

Passos Preliminares: Acessando a máquina virtual via ssh. CIn/UFPE Sistemas de Informação Redes de Computadores Professor: Kelvin Lopes Dias Monitor: Edson Adriano Maravalho Avelar {kld,eama@cin.ufpe.br Instalando o APACHE, PHP (PHPADMIN), MySQL. Este tutorial

Leia mais

Desenvolvendo para WEB

Desenvolvendo para WEB Nível - Básico Desenvolvendo para WEB Por: Evandro Silva Neste nosso primeiro artigo vamos revisar alguns conceitos que envolvem a programação de aplicativos WEB. A ideia aqui é explicarmos a arquitetura

Leia mais

Introdução à Tecnologia Web

Introdução à Tecnologia Web Introdução à Tecnologia Web HTML HyperText Markup Language XTML extensible HyperText Markup Language Elementos da Seção do Corpo Tabelas Formulários Professor Alan Cleber Borim www.alanborim.com.br Índice.

Leia mais

COMPETÊNCIAS ESPECÍFICAS Compreender e utilizar a linguagem SQL, na construção e manutenção de uma base de dados.

COMPETÊNCIAS ESPECÍFICAS Compreender e utilizar a linguagem SQL, na construção e manutenção de uma base de dados. PLANIFICAÇÃO DA DISCIPLINA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 12.ºH CURSO PROFISSIONAL DE TÉCNICO MULTIMÉDIA ANO LECTIVO 2013/2014 6. LINGUAGENS DE PROGRAMAÇÃO IV Pré-requisitos: - Planificar e estruturar bases

Leia mais

O atacante pode roubar a sessão de um usuário legítimo do sistema, que esteja previamente autenticado e realizar operações que o mesmo poderia.

O atacante pode roubar a sessão de um usuário legítimo do sistema, que esteja previamente autenticado e realizar operações que o mesmo poderia. Explorando e tratando a falha de Cross-site-scripting (XSS) 1 D E D E Z E M B R O D E 2 0 1 5 Muito pouco falada e com alto nível crítico dentro das vulnerabilidades relatadas, o Cross-site-scripting (XSS)

Leia mais

Internet e Programação Web

Internet e Programação Web COLÉGIO ESTADUAL PEDRO MACEDO Ensino Profissionalizante Internet e Programação Web 3 Técnico Prof. Cesar 2014 1. PHP e MySQL O MySQL é o gerenciador de banco de dados mais usado com o PHP. Existem muitas

Leia mais

Construindo um sistema simples de cadastro de fornecedores em PHP e MySQL.

Construindo um sistema simples de cadastro de fornecedores em PHP e MySQL. Construindo um sistema simples de cadastro de fornecedores em PHP e MySQL. Procuraremos mostrar os principais procedimentos para fazer um cadastro de registros numa base de dados MySQL utilizando a linguagem

Leia mais

Módulo 6: Linguagem de Programação IV 6.1. Introdução 6.2. Bases de Dados 6.2.1. Visão Estrutural 6.2.2. SGBD: Sistema de Gestão de Bases de Dados

Módulo 6: Linguagem de Programação IV 6.1. Introdução 6.2. Bases de Dados 6.2.1. Visão Estrutural 6.2.2. SGBD: Sistema de Gestão de Bases de Dados Curso Profissional de Técnico de Multimédia 12ºAno Disciplina: Sistemas de Informação Módulo 6: Linguagem de Programação IV 6.1. Introdução 6.2. Bases de Dados 6.2.1. Visão Estrutural 6.2.2. SGBD: Sistema

Leia mais

Criando um carrinho de compras

Criando um carrinho de compras Criando um carrinho de compras Um carrinho de compras feito em ASP.NET para você adaptar ao seu negócio e incluir no seu site. Além de aprender conceitos importantes relacionados a tecnologia ASP.NET vai

Leia mais

Iniciando o PHP e o MySQL

Iniciando o PHP e o MySQL Iniciando o PHP e o MySQL 3 Tome se como exemplo a base de dados de uma livraria, que contém informações sobre os livros disponíveis, autores e vendas, em que o elemento central desta base de dados serão

Leia mais

Ajax Asynchronous JavaScript and Xml

Ajax Asynchronous JavaScript and Xml Ajax Asynchronous JavaScript and Xml Ajax permite construir aplicações Web mais interactivas, responsivas, e fáceis de usar que aplicações Web tradicionais. Numa aplicação Web tradicional quando se prime

Leia mais

PLANIFICAÇÃO ANUAL DE CONTEÚDOS

PLANIFICAÇÃO ANUAL DE CONTEÚDOS ESCOLA SECUNDÁRIA DE MANUEL DA FONSECA Curso Profissional: Técnico de Gestão e Equipamentos Informáticos PLANIFICAÇÃO ANUAL DE CONTEÚDOS GRUPO 550 CICLO DE FORMAÇÃO 2012/2015 ANO LECTIVO 2012/2013 DISCIPLINA:

Leia mais

Desenvolvimento Web XHTML Formulários. Prof. Bruno E. G. Gomes

Desenvolvimento Web XHTML Formulários. Prof. Bruno E. G. Gomes Desenvolvimento Web XHTML Formulários Prof. Bruno E. G. Gomes 2014 Introdução Um recurso bastante utilizado no desenvolvimento Web é o envio de dados de uma página para o servidor quando fornecemos informações,

Leia mais

Módulo de Administração de Utilizadores

Módulo de Administração de Utilizadores base Módulo de Administração de Utilizadores Versão 2.0 Manual do utilizador Janeiro 2002 Ficha técnica Título BIBLIObase : Módulo de Administração de Utilizadores: versão 2.0 : manual do utilizador Autores

Leia mais

Tutorial: Do YouTube para o PowerPoint

Tutorial: Do YouTube para o PowerPoint Autor: João Pina aragaopina@gmail.com 01-03-2010 OBJECTIVOS No final deste tutorial será capaz de: A. Retirar vídeos do YouTube; B. Converter os vídeos num formato passível de ser integrado em PowerPoint;

Leia mais

[Documentação de Utilização Correio Electrónico dos Estudantes da ESTG]

[Documentação de Utilização Correio Electrónico dos Estudantes da ESTG] [Documentação de Utilização Correio Electrónico dos Estudantes da ESTG] Unidade De Administração de Sistemas Serviços Informáticos Instituto Politécnico de Leiria 10-07-2009 Controlo do Documento Autor

Leia mais

Servidor IIS. Sorayachristiane.blogspot.com

Servidor IIS. Sorayachristiane.blogspot.com Servidor IIS Servidor IIS IIS Serviço de informação de Internet; É um servidor que permite hospedar um ou vários sites web no mesmo computador e cria uma distribuição de arquivos utilizando o protocolo

Leia mais

http://www.uarte.mct.pt

http://www.uarte.mct.pt ws-ftp 1 sobre o programa...... pag.. 2 descarregar o programa a partir do site da uarte... pag.. 3 instalar o programa...... pag.. 4 a 6 iniciar o programa...... pag.. 7 interface dpo programa... pag..

Leia mais

Gescom isales. Aplicação Mobile Profissional para Vendedores

Gescom isales. Aplicação Mobile Profissional para Vendedores Aplicação Mobile Profissional para Vendedores Indíce Introdução... 3 Aplicação... 4 Produtos... 4 Categorias... 4 Produtos... 5 Carrinho de Vendas... 6 Encomendas... 7 Clientes... 10 Sincronização... 11

Leia mais

Manual do IpêCMS. Autor: Everton R. Silva Data: 30.10.2008 Website: http://ipecms.tconibo.com

Manual do IpêCMS. Autor: Everton R. Silva Data: 30.10.2008 Website: http://ipecms.tconibo.com Manual do IpêCMS Autor: Everton R. Silva Data: 30.10.2008 Website: http://ipecms.tconibo.com INTRODUÇÃO Objetivo IpêCMS é um mini CMS open source distribuido atraves da licença GPL. É desenvolvido em linguagem

Leia mais

Deverá ser apresentada uma caixa de combinação para auxiliar o utilizador a escolher o distrito de residência do entrevistado.

Deverá ser apresentada uma caixa de combinação para auxiliar o utilizador a escolher o distrito de residência do entrevistado. 4.º PASSO PROGRAMAÇÃO DO CAMPO DISTRITO : PROJECTO COM ADO Deverá ser apresentada uma caixa de combinação para auxiliar o utilizador a escolher o distrito de residência do entrevistado. 1) Abra o formulário

Leia mais

ÍNDICE 1 Introdução... 2 Acesso do utilizador público... 3 Processo de apresentação e resolução de reclamação... 4 Acesso ao sistema...

ÍNDICE 1 Introdução... 2 Acesso do utilizador público... 3 Processo de apresentação e resolução de reclamação... 4 Acesso ao sistema... ÍNDICE 1 Introdução... 2 2 Acesso do utilizador público... 3 3 Processo de apresentação e resolução de reclamação... 4 4 Acesso ao sistema... 5 4.1 Como aceder ao website das BNTs... 5 4.2 Como criar uma

Leia mais