Reconhecer alguns dos objectos VBA Automatizar bases de dados recorrendo à programação VBA e scripts SQL

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Reconhecer alguns dos objectos VBA Automatizar bases de dados recorrendo à programação VBA e scripts SQL"

Transcrição

1 OBJECTIVOS Reconhecer alguns dos objectos VBA Automatizar bases de dados recorrendo à programação VBA e scripts SQL O objecto DOCMD Este objecto permite o acesso a todas as operações sobre todos os objectos de BD (filtragem, pesquisa e tratamento de dados, dos, execução de consultas de todos os tipos, navegação entre registos, automatização de formulários, impressão, etc.). Docmd contém apenas métodos na sua definição, cujo lote de comandos se refere às acções disponibilizadas pelas macros não programadas do Access. Método Quit - Este método termina a aplicação. Exemplo: Docmd.quit Método RunSql - Executa uma consulta de acção ou de definição de dados por especificação de uma instrução SQL. Exemplo: DoCmd.RunSQL "delete from clientes where nome='" & txtnome & "' and bi=" & txtbi executa a query delete. Método OpenForm - Abre o formulário com determinado nome. Exemplo: docm.openform verclientes abre o formulário verclientes. Método Close - Fecha um determinado objecto de BD com um nome específico. Exemplos: docmd.close fecha a janela actual O objecto ADODB Com o VBA, o programador pode gerir quando e como uma aplicação interage com uma BD, mais especificamente com os seus objectos. O modelo de programação ADO é constituído por uma biblioteca de objectos que proporciona toda a gestão e acesso a um SGBD. A tabela seguinte apresenta a listagem dos objectos e colecções mais importantes, definidos na biblioteca de objectos ADO: OBJECTO DESCRIÇÃO Recordset Conjunto de registos retornados por uma origem de dados ou query. Field Corresponde a uma coluna (campo) num objecto recordset Fields Colecção contendo todas as colunas de um objecto recordset. Connection Representa uma ligação a uma BD 1

2 A aplicação a ser construída consiste numa base de dados onde vão ser registadas as encomendas efectuadas, os clientes e os fornecedores. Para este exemplo vamos precisar de criar a tabela clientes com os seguintes campos: Esta tabela deve ser preenchida com os seguintes registos: Da tabela fornecedores com os seguintes campos e registos: E a tabela encomendas com os seguintes campos e registos: 2

3 Na vista de estrutura crie ainda um formulário semelhante ao seguinte. Deve guardá-lo com o nome formclientes Fig. Formulário FormClientes 1. Caixa de texto com o nome txt_pesquisa. 2. Botão com o nome cmd_pesquisa. Nota: As caixas de listagem são constituídas por rótulo e a caixa onde vai surgir a lista de dados. Altere o texto dos rótulos como mostrado na imagem e em cada lista deve apenas alterar, nas propriedades, o nome. Deve ainda alterar nas propriedades das caixas de listagem no separador dados a propriedade tipo de origem da linha para lista de valores, uma vez que a caixa vai ser preenchida por linhas resultantes de uma consulta à tabela. 3. Caixa de listagem com o nome lst_clientes 4. Caixa de listagem com o nome lst_pesquisa_clientes O objectivo agora é que a primeira lista (lst_clientes) seja preenchida automaticamente com os nomes dos clientes que se encontram na tabela clientes. Como esta acção vai ocorrer orrer quando o formulário é carregado, vai acontecer no evento Form_Load. Para aceder ao editor de código vba clique com o botão direito no formclientes (em vista de estrutura) e aceda à opção construir evento > construtor de código. Possivelmente vai-lhe surgir o método Detalhe_Click e não o Form_Load. 3

4 1 2 Em 1 altera-se o nome do objecto e em 2 o evento a ele associado. Altere em 1 Detalhe para Form que automaticamente surge o evento Form_Load. Como vamos necessitar do objecto ADO deve adicionar a biblioteca Microsoft ActiveX Data Objects 2.7 Library à sua base de dados. Para adicionar a biblioteca clique no menu Tools >References Localize a biblioteca, seleccione e por fim clique em OK. No evento form_load vai ser estabelecida a ligação à tabela, vai ser criado um registo que vai guardar o resultado do select efectuado à tabela clientes e por fim cada registo vai ser adicionado à lista. 4

5 O código para este evento vai ser o seguinte: Neste caso vamos precisar de usar um ciclo While para percorrer as linhas da tabela e em seguida preencher a caixa de listagem. A sintaxe da estrutura de repetição While é a seguinte: While condição Wend Bloco de instruções Fig Programação do evento Form_Load Programação do evento Form_Load() - Explicação do código linha a linha Nota: Os comentários em VBA são feitos utilizando o apóstrofe. Dim ligacao As ADODB.Connection a variável ligação vai conter a ligação à tabela da BD Dim registo As ADODB.Recordset a variável registo vai guardar cada linha e coluna resultante do select efectuado à tabela clientes. Dim sql As String a variável sql vai conter o código sql de consulta à tabela clientes. Set ligacao = CurrentProject.Connection inicializar a variável ligacao com a ligação ao projecto corrente Set registo= New ADODB.Recordset inicializar a variável registo como um novo conjunto de registos sql = "select nome from clientes order by nome" seleccionar apenas o campo nome, da tabela clientes e ordenar registo.open sql, ligacao preenchimento do registo com o total de linhas da tabela clientes. While Not registo.eof a tabela vai ser percorrida linha a linha e enquanto não chegarmos ao fim da linha(registo.eof) as duas linhas de código seguintes vão ser executadas lst_clientes.additem registo!nome adicionar o campo nome da variável registo (registo!nome) à lista lst_clientes. 5

6 registo.movenext mudança para a próxima linha da tabela Wend fim do ciclo while End Sub O próximo passo vai ser programar o botão OK (cmd_pesquisa). O que se pretende é que ao clicar ele seleccione da tabela clientes todos os nomes começados pela letra que coloca na caixa de texto. A lista de nomes encontrada vai preencher a caixa de listagem lst_pesquisa_clientes. O código do evento cmd_pesquisa_click vai ser o seguinte: Fig Programação do evento cmd_pesquisa_click Vamos utilizar a estrutura de decisão if para que, no caso da consulta à base de dados não devolver valores, a caixa de listagem seja preenchida com o texto Não existem resultados A estrutura if avalia a condição especificada e, se a mesma for verdadeira, executa determinada instrução ou conjunto de instruções; se for falsa, executa uma instrução ou bloco de instruções diferente do anterior. Sintaxe: If condição then utilizamos no caso de ser preciso executar apenas um bloco de instruções. If condição then end if quando é necessário executar ecutar um bloco de instruções. If condição then.else. end if a condição é testada, se for verdadeira executa o bloco de instruções após o then, senão executa o bloco de instruções depois de else. Programação do evento cmd_pesquisa_click- Explicação do código linha a linha Private Sub cmd_pesquisa_click() criação e inicialização das variáveis registo,ligação e sql cuja função já foi explicada anteriormente. Dim registo As ADODB.Recordset Dim ligacao As ADODB.Connection 6

7 Dim sql As String Set ligacao = CurrentProject.Connection Set registo = New ADODB.Recordset seleccionar todos os campos e registos da tabela clientes onde o nome começa pela letra colocada na caixa txt_pesquisa. sql = "select * from clientes where nome like '" & txt_pesquisa & "%'" preenchimento do registo com o total de linhas da tabela clientes. registo.open sql, ligacao limpamos a caixa de listagem para não ficar com os valores da pesquisa anterior lst_pesquisa_clientes.rowsource = "" enquanto não chegar ao fim da tabela While Not registo.eof mostra = registo!nome guardar campo nome na variável mostra lst_pesquisa_clientes.additem registo!nome adicionar linha com o campo nome à caixa de listagem registo.movenext passar para o registo seguinte Wend fim do ciclo while txt_pesquisa = "" limpar a caixa de texto txt_pesquisa If mostra = "" Then se a variável mostra estiver vazia a caixa de listagem é preenchida com o texto Não existem resultados... lst_pesquisa_clientes.additem "Não existem resultados..." End If fim do if End Sub Coloque ainda no formulário o seguinte grupo de opções, caixas de texto e botão: Caixa de texto txtnome Fig. Formulário listaclientes 7

8 2. Caixa de texto txtbi 3. Caixa de texto txtnif 4. Botão cmd_editarcliente Altere as propriedades de caixas de texto para que fiquem desactivas, para isso coloque a propriedade activado igual a não (separador dados). Vamos agora programar a caixa de listagem lst_pesquisa_clientes quando ocorre o evento click. Ao clicar numa das opções da lista os dados das caixas de texto(txtnome, txtbi e txtnif) vão ser automaticamente preenchidos. Esta acção só é efectuada caso a opção seleccionada seja diferente de Não existem resultados O código para o evento lst_pesquisa_clientes_click é o seguinte: Elabore o seguinte formulário que deve guardar com o nome verclientes Formulário verclientes Altere os nomes de cada caixa de texto e botão para os seguintes: 1. Caixa de texto txtnome 2. Caixa de texto txtbi 3. Caixa de texto txtnif 4. Botão cmd_editarc 5. Botão cmd_eliminar 6. Botão o cmd_fechar 8

9 O botão fechar apenas fecha o formulário e o código é o seguinte: O botão editar permite registar as alterações, na tabela clientes, efectuadas nos campos do formulário onde o bi corresponda ao bi apresentado. O código vai ser o seguinte: O botão eliminar vai eliminar o registo corrente da tabela. Caso seleccione sim na caixa de mensagens, o registo é eliminado e surge a mensagem o cliente nome_d_cliente foi eliminado!, caso contrário o registo mantém-se. Programação do evento cmd_eliminar_click- Explicação do código linha a linha Private Sub cmd_eliminar_click() msg = MsgBox("Tem a certeza que pretende eliminar?", vbquestion + vbyesnocancel) o resultado da opção escolhida (botão sim/não/cancelar) na caixa de mensagem vai ser guardado na variável msg. DoCmd.SetWarnings False retirar os avisos mostrados pelo access If msg = vbyes Then se clicar no botão sim (vbyes) elimina da tabela clients o registo que está a ser mostrado DoCmd.RunSQL "delete from clientes where nome='" & txtnome & "' and bi=" & txtbi mostra a caixa de mensagem com o texto O cliente nome_do_cliente foi eliminado! MsgBox "O cliente " & txtnome & " foi eliminado!" End If End Sub 9

10 EXERCÍCIO PROGRAMAÇÃO DO FORMULÁRIO ENCOMENDAS Para este exemplo vai ser necessário importar os seguintes objectos da base de dados Sql e VBA exemplo: formulários encomendas, verclientes e verfornecedores e tabela encomendas. Verifique se os seguintes registos se encontram na tabela clientes. Verifique ainda se os seguintes registos se encontram na tabela fornecedores. A tabela encomendas encontra-se organizada do seguinte modo: 10

11 No formulário encomendas coloque os nomes nos controlos como se apresenta em seguida (atenção que o texto apresentado só irá surgir depois de programar cada objecto): Caixa de listagem lst_encomenda; 2. Caixa de texto txt_encomenda; 3. Caixa de texto txt_fornecedor; 4. Caixa de texto txt_cliente; ; 5. Caixa de texto txt_valor; 6. Caixa de texto txt_data. 7. Botão cmd_verf; 8. Botão cmd_verc; Vamos então passar à programação dos objectos do formulário. a. A caixa de listagem lst_encomendas deve ser preenchida, logo quando o formulário for carregado, com o código de cada encomenda. b. Quando uma encomenda é seleccionada (ao clicar na lista lst_encomendas) as caixas de texto dos dados da encomenda são automaticamente preenchidas. c. O botão verfornecedores vai abrir o formulário verfornecedor com os dados do fornecedor que corresponde aquela encomenda. 11

12 d. O botão ver Cliente vai abrir o formulário verclientes com os dados do cliente que corresponde aquela encomenda. e. No formulário dos fornecedores deve programar o botão fechar para fechar o formulário e o botão remover para remover o registo. Quando clica em remover apenas deve surgir uma msgbox com o texto Tem a certeza que pretende eliminar o cliente?. Se clicar em sim remove e mostra a mensagem o cliente Maria foi eliminado com sucesso!, caso contrário mantém o registo. 12

Deverá ser apresentada uma caixa de combinação para auxiliar o utilizador a escolher o distrito de residência do entrevistado.

Deverá ser apresentada uma caixa de combinação para auxiliar o utilizador a escolher o distrito de residência do entrevistado. 4.º PASSO PROGRAMAÇÃO DO CAMPO DISTRITO : PROJECTO COM ADO Deverá ser apresentada uma caixa de combinação para auxiliar o utilizador a escolher o distrito de residência do entrevistado. 1) Abra o formulário

Leia mais

10. Acessando o Banco de Dados através do Visual Basic

10. Acessando o Banco de Dados através do Visual Basic 10. Acessando o Banco de Dados através do Visual Basic Para acessar o Banco de Dados através do Visual Basic, pode ser utilizado dois métodos diferentes: 10.1 DAO ADO - ActiveX Data Objects DAO - Data

Leia mais

VBA e Access Modo de interacção

VBA e Access Modo de interacção VBA e Access Modo de interacção As funcionalidades do VBA estão completamente integradas com o Access Um bom exemplo dessa integração é o facto dos formulários e dos módulos fazerem por defeito parte integrante

Leia mais

Iniciar o Data Adapter Configuration Wizard. Toolbox Data Duplo clique em OleDbDataAdapter. Botão next na caixa de diálogo

Iniciar o Data Adapter Configuration Wizard. Toolbox Data Duplo clique em OleDbDataAdapter. Botão next na caixa de diálogo Iniciar o Data Adapter Configuration Wizard Toolbox Data Duplo clique em OleDbDataAdapter Botão next na caixa de diálogo Se carregar em Cancel, o wizard é cancelado e podemos depois definir as propriedades

Leia mais

Noções básicas sobre macros no Access 97. Construção de algumas macros simples. Noções básicas sobre procedimentos VBA no Access 97

Noções básicas sobre macros no Access 97. Construção de algumas macros simples. Noções básicas sobre procedimentos VBA no Access 97 MS Access 97-Macros Estrutura da aula Noções básicas sobre macros no Access 97 Construção de algumas macros simples Noções básicas sobre procedimentos VBA no Access 97 Exemplo de um procedimento VBA Apresentação

Leia mais

A VISTA BACKSTAGE PRINCIPAIS OPÇÕES NO ECRÃ DE ACESSO

A VISTA BACKSTAGE PRINCIPAIS OPÇÕES NO ECRÃ DE ACESSO DOMINE A 110% ACCESS 2010 A VISTA BACKSTAGE Assim que é activado o Access, é visualizado o ecrã principal de acesso na nova vista Backstage. Após aceder ao Access 2010, no canto superior esquerdo do Friso,

Leia mais

Avançado. Visão geral do ambiente do VBA Retornar à planilha Excel

Avançado. Visão geral do ambiente do VBA Retornar à planilha Excel Avançado Trabalhando com VBA Descubra a linguagem de programação do Microsoft Office e torne-se um expert no desenvolvimento de funções, macros e planilhas eletrônicas Nas edições anteriores da revista

Leia mais

Ficha prática nº 7. SGBD Microsoft Access e SQL Server

Ficha prática nº 7. SGBD Microsoft Access e SQL Server Instituto Superior Politécnico de Viseu Escola Superior de Tecnologia Departamento de Informática Ficha prática nº 7 SGBD Microsoft Access e SQL Server Objectivo: Criação de uma aplicação em arquitectura

Leia mais

Excel - VBA. Macrocomandos (Macros) O que é uma macro? São programas que executam

Excel - VBA. Macrocomandos (Macros) O que é uma macro? São programas que executam Excel - VBA Docente: Ana Paula Afonso Macrocomandos (Macros) O que é uma macro? São programas que executam tarefas específicas, automatizando-as. Quando uma macro é activada, executa uma sequência de instruções.

Leia mais

4 Criação de macros e introdução à linguagem VBA

4 Criação de macros e introdução à linguagem VBA 4 Criação de macros e introdução à linguagem VBA Vinicius A. de Souza va.vinicius@gmail.com São José dos Campos, 2011. 1 Sumário Tópicos em Microsoft Excel 2007 Introdução à criação de macros...3 Gravação

Leia mais

Curso de Iniciação ao Access Basic (I) CONTEÚDOS

Curso de Iniciação ao Access Basic (I) CONTEÚDOS Curso de Iniciação ao Access Basic (I) CONTEÚDOS 1. A Linguagem Access Basic. 2. Módulos e Procedimentos. 3. Usar o Access: 3.1. Criar uma Base de Dados: 3.1.1. Criar uma nova Base de Dados. 3.1.2. Criar

Leia mais

Tarefa Orientada 6 Edição de Dados

Tarefa Orientada 6 Edição de Dados Tarefa Orientada 6 Edição de Dados Objectivos: Inserção de dados. Alteração de dados. Eliminação de dados. Definição de Listas de Pesquisa (Lookup Lists) O Sistema de Gestão de Bases de Dados MS Access

Leia mais

Tarefa Orientada 2 Criar uma base de dados

Tarefa Orientada 2 Criar uma base de dados Tarefa Orientada 2 Criar uma base de dados Objectivos: Criar uma base de dados vazia. O Sistema de Gestão de Bases de Dados MS Access Criar uma base dados vazia O Access é um Sistema de Gestão de Bases

Leia mais

Manual de Administração Intranet BNI

Manual de Administração Intranet BNI Manual de Administração Intranet BNI Fevereiro - 2010 Índice 1. Apresentação... 3 2. Conceitos... 5 3. Funcionamento base da intranet... 7 3.1. Autenticação...8 3.2. Entrada na intranet...8 3.3. O ecrã

Leia mais

Primeiramente lemos a seguinte citação, copiada de Excel-Ajuda:

Primeiramente lemos a seguinte citação, copiada de Excel-Ajuda: 33 Capítulo 3 Procedimentos (macros) Primeiramente lemos a seguinte citação, copiada de Excel-Ajuda: O objetivo de uma macro é automatizar as tarefas usadas com mais freqüência. Embora algumas macros sejam

Leia mais

1 MANIPULAÇÃO DO BANCO DE DADOS. Abertura do Banco de Dados e suas tabelas Adicionar Navegação Alteração Consulta Exclusão

1 MANIPULAÇÃO DO BANCO DE DADOS. Abertura do Banco de Dados e suas tabelas Adicionar Navegação Alteração Consulta Exclusão 1 MANIPULAÇÃO DO BANCO DE DADOS Abertura do Banco de Dados e suas tabelas Adicionar Navegação Alteração Consulta Exclusão 1.1 CRIANDO JANELAS Precisamos criar inicialmente um formulário para cadastrar

Leia mais

INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO DE SISTEMAS INFORMÁTICOS Curso Educação e Formação de Adultos Nível Básico. Access 2003

INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO DE SISTEMAS INFORMÁTICOS Curso Educação e Formação de Adultos Nível Básico. Access 2003 Curso Educação e Formação de Adultos Nível Básico Access 2003 28/07/2009 [Manual de Microsoft Access.] FICHA TÉCNICA DESIGNAÇÃO DA COLECTÂNEA Manual de Microsoft Access AUTOR Carlos Serranheira DESTINATÁRIOS

Leia mais

COMPETÊNCIAS BÁSICAS EM TIC NAS EB1

COMPETÊNCIAS BÁSICAS EM TIC NAS EB1 COMPETÊNCIAS BÁSICAS EM TIC NAS EB1 Oficina do Correio Para saber mais sobre Correio electrónico 1. Dicas para melhor gerir e organizar o Correio Electrónico utilizando o Outlook Express Criar Pastas Escrever

Leia mais

5 - Se o documento estiver completo, com os campos totalmente inseridos e com o aspecto que pretende, poderá guardá-lo.

5 - Se o documento estiver completo, com os campos totalmente inseridos e com o aspecto que pretende, poderá guardá-lo. Impressão em série de cartas de formulário e mailings em grande número Intercalação de correio Base de Dados em Excel Comece por planear o aspecto da sua página final - é uma carta, uma página de etiquetas

Leia mais

Outlook 2003. Nivel 1. Rui Camacho

Outlook 2003. Nivel 1. Rui Camacho Outlook 2003 Nivel 1 Objectivos gerais Enviar e Responder a mensagens de correio electrónico, e gestão de contactos, marcação de compromissos e trabalhar com notas. Objectivos específicos Começar a trabalhar

Leia mais

Manual de Access 2007

Manual de Access 2007 Manual de Access 2007 Índice Introdução... 4 Melhor que um conjunto de listas... 5 Amizades com relações... 6 A Estrutura de uma Base de Dados... 8 Ambiente do Microsoft Access 2007... 9 Separadores do

Leia mais

Avançado. Visão geral do ambiente do VBA Retornar à planilha Excel

Avançado. Visão geral do ambiente do VBA Retornar à planilha Excel Avançado Trabalhando com VBA Descubra a linguagem de programação do Microsoft Office e torne-se um expert no desenvolvimento de funções, macros e planilhas eletrônicas Nas edições anteriores da revista

Leia mais

Criação de uma base de dados em MS SQL Server e acesso com VB 6. Professor Sérgio Furgeri

Criação de uma base de dados em MS SQL Server e acesso com VB 6. Professor Sérgio Furgeri OBJETIVOS DA AULA: Criação de uma base de dados em MS SQL Server e acesso com VB 6. Fazer uma breve introdução a respeito do MS SQL Server 7.0; Criar uma pequena base de dados no MS SQL Server 7.0; Elaborar

Leia mais

FIGURA 1.3 Indicação dos tipos de relações num diagrama ER 1-N N-N 1-N DISTRITOS PRODUTOS

FIGURA 1.3 Indicação dos tipos de relações num diagrama ER 1-N N-N 1-N DISTRITOS PRODUTOS 14 ACCESS 2013 MACROS & VBA CURSO COMPLETO Por exemplo, numa escola, se um aluno só pudesse estar inscrito numa única turma, estaríamos perante uma relação do tipo 1-1; em contrapartida, se um aluno se

Leia mais

Centro Atlântico DESENHO E IMPLEMENTAÇÃO BASES DE DADOS COM MICROSOFT ACCESS XP

Centro Atlântico DESENHO E IMPLEMENTAÇÃO BASES DE DADOS COM MICROSOFT ACCESS XP Centro Atlântico DESENHO E IMPLEMENTAÇÃO DE BASES DE DADOS COM MICROSOFT ACCESS XP Ana Azevedo António Abreu Vidal de Carvalho DESENHO E IMPLEMENTAÇÃO DE BASES DE DADOS COM MICROSOFT ACCESS XP Reservados

Leia mais

Findo o processo de normalização, obtemos o conjunto de tabelas indicado na tabela 1.28.

Findo o processo de normalização, obtemos o conjunto de tabelas indicado na tabela 1.28. ACCESS 2007 MACROS & VBA - CURSO COMPLETO AS-44-33 Honda Civic YY-44-32 Opel Corsa UU-44-44 Fiat Uno UU-44-44 Fiat Uno UU-44-44 Fiat Uno AA-00-01 Ford Transit TABELA ERRO! NÃO EXISTE NENHUM TEXTO COM O

Leia mais

MICROSOFT ACCESS MICROSOFT ACCESS. Professor Rafael Vieira Professor Rafael Vieira

MICROSOFT ACCESS MICROSOFT ACCESS. Professor Rafael Vieira Professor Rafael Vieira MICROSOFT ACCESS MICROSOFT ACCESS Professor Rafael Vieira Professor Rafael Vieira - Access - Programa de base de dados relacional funciona em Windows Elementos de uma Base de Dados: Tabelas Consultas Formulários

Leia mais

A1;A7 é o mesmo que A1 e A7 A1:A7 é o mesmo que A1 até A7 (abrange A1, A2, A3, A4, A5, A6, A7).

A1;A7 é o mesmo que A1 e A7 A1:A7 é o mesmo que A1 até A7 (abrange A1, A2, A3, A4, A5, A6, A7). Excel Avançado Atenção! 1. Nunca referenciamos valores, mas sim o nome da célula que contém o valor, como A1, sendo A a coluna e 1 a linha. 2. As fórmulas sempre iniciam com sinal de =. 3. Lembre-se de:

Leia mais

INTRODUÇÃO AO MODELO ADO.NET (DESCONECTADO)

INTRODUÇÃO AO MODELO ADO.NET (DESCONECTADO) INTRODUÇÃO AO MODELO ADONET (DESCONECTADO) O modelo ADONET (Activex Data Objects NET) consiste num conjunto de classes definidas pela NET framework (localizadas no namespace SystemData) que pode ser utilizado

Leia mais

Trabalhando com Arquivos de Texto no VBA

Trabalhando com Arquivos de Texto no VBA OpenStax-CNX module: m47737 1 Trabalhando com Arquivos de Texto no VBA Joao Carlos Ferreira dos Santos This work is produced by OpenStax-CNX and licensed under the Creative Commons Attribution License

Leia mais

Tarefa Orientada 20 Cursores

Tarefa Orientada 20 Cursores Tarefa Orientada 20 Cursores Objectivos: Declarar cursores Utilizar cursores Utilizar funções do sistema para trabalhar com cursores Actualizar dados através de cursores Um cursor é um objecto da base

Leia mais

Tarefa Orientada 12 Junção Externa, Auto-Junção e União

Tarefa Orientada 12 Junção Externa, Auto-Junção e União Tarefa Orientada 12 Junção Externa, Auto-Junção e União Objectivos: Junção externa (Outer JOIN) Junção externa à esquerda (LEFT Outer JOIN) Junção externa à direita (RIGHT Outer JOIN) Junção externa completa

Leia mais

13. CÁLCULOS E PÁGINAS

13. CÁLCULOS E PÁGINAS 13. CÁLCULOS E PÁGINAS Os formulários podem gerar algum tipo de informação que não existe inicialmente em nenhuma tabela. Por exemplo, não existem tabelas com o total de vencimentos, nem com a quantidade

Leia mais

Conceitos, tabelas e consultas

Conceitos, tabelas e consultas MICROSOFT ACCESS Conceitos, tabelas e consultas 1. CONCEITOS Base de Dados é um conjunto de dados organizados SGBD (Sistema de Gestão de Base de Dados) programa que permite fazer a gestão da base de dados.

Leia mais

2.) Listagem Página a Página

2.) Listagem Página a Página Exemplos para construção de páginas em ASP 1.) Abertura de uma Base de Dados O código necessário para fazer a abertura de uma Base de Dados Access e execução de uma string SQL é muito simples. No exemplo

Leia mais

Sub AcessaWeb(url, x) ' recebe uma url para pesquisar e devolve uma planilha ' Solicita a criação da planilha x

Sub AcessaWeb(url, x) ' recebe uma url para pesquisar e devolve uma planilha ' Solicita a criação da planilha x Aula 1 Planilha para Incluir / Excluir / Consultar dados em uma agenda telefônica (Nome, Endereço, Telefone) residindo em Banco de dados Access ou na WEB (usando um banco espelho no meu site, e uma página

Leia mais

Microsoft Excel 2003

Microsoft Excel 2003 Associação Educacional Dom Bosco Faculdades de Engenharia de Resende Microsoft Excel 2003 Módulo II Macros e Tabelas Dinâmicas Professores: Eduardo Arbex Mônica Mara Tathiana da Silva Resende 2010 Macro

Leia mais

BARRA DE PROGRESSO EM VBA

BARRA DE PROGRESSO EM VBA BARRA DE PROGRESSO EM VBA Quando elaboramos uma programação em VBA e não sabemos o tempo de execução podemos utilizar uma alternativa para a visualização do progresso da tarefa, uma barra de progressão

Leia mais

Tutorial 1 - Básico do VBA do Excel

Tutorial 1 - Básico do VBA do Excel Tutorial 1 - Básico do VBA do Excel Este tutorial contém a 1ª lição sobre a série Básico do VBA do Excel. Ele cobre tópicos de criação e gerenciamento de matrizes e o entendimento de estruturas de decisão

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE

DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE VARIAÁ VEL Antes de iniciarmos os comandos referentes a Banco de Dados, precisamos de uma breve descrição técnica sobre Variáveis que serão uma constante em programação seja qual for sua forma de leitura.

Leia mais

ZSRest/ZSPos. Manual de Stocks. BackOffice

ZSRest/ZSPos. Manual de Stocks. BackOffice BackOffice 1 1. Índice 2. Introdução... 3 3. Iniciar o ZSRest/ZSPos FrontOffice... 4 4. Produto... 5 Activar gestão de stocks... 5 5. Armazém... 7 a) Adicionar Armazém... 8 b) Modificar Armazém... 8 c)

Leia mais

ZS Rest. Manual Avançado. Menus. v2011 - Certificado

ZS Rest. Manual Avançado. Menus. v2011 - Certificado Manual Avançado Menus v2011 - Certificado 1 1. Índice 2. Introdução... 2 3. Iniciar o ZSRest... 3 4. Menus... 4 b) Novo Produto:... 5 i. Separador Geral.... 5 ii. Separador Preços e Impostos... 7 iii.

Leia mais

Aplicações de Escritório Electrónico

Aplicações de Escritório Electrónico Universidade de Aveiro Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Águeda Curso de Especialização Tecnológica em Práticas Administrativas e Tradução Aplicações de Escritório Electrónico Folha de trabalho

Leia mais

Microsoft Access. No Access, existem vários tipos de objectos: Tabelas. Consultas. Formulários Relatórios Macros Módulos

Microsoft Access. No Access, existem vários tipos de objectos: Tabelas. Consultas. Formulários Relatórios Macros Módulos É um SGBD do tipo relacional para a utilização em windows. Ao abrirmos o Access, podemos efectuar várias operações: abrir uma base de dados existente, ou então criar uma nova base de dados. Se criarmos

Leia mais

Tarefa Orientada 1 Base de Dados Editora

Tarefa Orientada 1 Base de Dados Editora Tarefa Orientada 1 Base de Dados Editora Objectivos: Criar as tabelas da base de dados Editora Criar o diagrama da base de dados Editora Inserir registos com os dados de teste Criar as tabelas da base

Leia mais

Consultas (Queries) ou Interrogações

Consultas (Queries) ou Interrogações Consultas (Queries) ou Interrogações Principal finalidade das interrogações: Extracção, manipulação (inserção, alteração e remoção) e definição de dados. As interrogações mais comuns destinam-se a pesquisar

Leia mais

ISCAP. Algoritmia. Pág. 1. Ana Paula Teixeira

ISCAP. Algoritmia. Pág. 1. Ana Paula Teixeira Algoritmia Pág. 1 Os Computadores e a resolução de Problemas PROBLEMA Fase de Resolução do Problema Pág. 2 Passo difícil Solução como um PROGRAMA de Computador Solução em forma de Algoritmo Fase de Implementação

Leia mais

ZS Rest. Manual Avançado. Gestão de Stocks Local. v2011

ZS Rest. Manual Avançado. Gestão de Stocks Local. v2011 Manual Avançado Gestão de Stocks Local v2011 1 1. Índice 2. Introdução... 3 3. Iniciar o ZSRest FrontOffice... 4 4. Produto... 5 b) Activar gestão de stocks... 5 i. Opção: Faz gestão de stocks... 5 ii.

Leia mais

Tarefa Orientada 5 Aplic. Manutenção de Facturas de Clientes

Tarefa Orientada 5 Aplic. Manutenção de Facturas de Clientes Tarefa Orientada 5 Aplic. Manutenção de Facturas de Clientes Objectivos: Aplicação Manutenção de Facturas de Clientes Utilização de uma fonte de dados. Formulários Master/Detail. Adicionar consultas a

Leia mais

Ajuda do site www.maxone.biz ( Março 2006)

Ajuda do site www.maxone.biz ( Março 2006) Ajuda do site www.maxone.biz ( Março 2006) Este documento tem como objectivo ajudar os nossos clientes a trabalhar com o nosso site. Se necessitar de alguma ajuda extra não hesite em contactar-nos. Apesar

Leia mais

O dono de uma livraria cuja base de dados é administrada por si pediu-lhe para efectuar as seguintes alterações ao preço dos livros:

O dono de uma livraria cuja base de dados é administrada por si pediu-lhe para efectuar as seguintes alterações ao preço dos livros: - Necessidade O dono de uma livraria cuja base de dados é administrada por si pediu-lhe para efectuar as seguintes alterações ao preço dos livros: Os livros que custarem mais de 10, devem ver o seu preço

Leia mais

Instituto Politécnico de Tomar. Manual da Área de Secretariados

Instituto Politécnico de Tomar. Manual da Área de Secretariados Instituto Politécnico de Tomar Manual da Área de Secretariados Última actualização: 13 de Outubro de 2004 Índice Como aceder a Área de Secretariados...2 O que posso efectuar na Área de Secretariado (Acções)...4

Leia mais

Private Sub Corpo_Change() Call AtualizaContagem DoCmd.RunCommand accmdsave End Sub

Private Sub Corpo_Change() Call AtualizaContagem DoCmd.RunCommand accmdsave End Sub MontaRibbons 4.0 Vetores e Matrizes Manipulação de Strings (Contagem de Caracteres) Funções e Sub-rotinas Login no Sistema Segurança de Dados Mala Direta (Access X Word) com VBA Alterando a Fonte de Registro

Leia mais

ETEC DR. EMÍLIO HENRNANDEZ AGUILAR PROGRAMAÇÃO DE COMPUTADORES II PROFESSOR RAFAEL BARRETO DELPHI FORMULÁRIO COM ABAS E BUSCAS DE REGISTROS

ETEC DR. EMÍLIO HENRNANDEZ AGUILAR PROGRAMAÇÃO DE COMPUTADORES II PROFESSOR RAFAEL BARRETO DELPHI FORMULÁRIO COM ABAS E BUSCAS DE REGISTROS ETEC DR. EMÍLIO HENRNANDEZ AGUILAR PROGRAMAÇÃO DE COMPUTADORES II PROFESSOR RAFAEL BARRETO DELPHI FORMULÁRIO COM ABAS E BUSCAS DE REGISTROS FORMULÁRIOS COM ABAS Trabalhar com abas (ou guias) é um recurso

Leia mais

Criando formulário de pesquisa vinculando caixa de texto e caixa de listagem

Criando formulário de pesquisa vinculando caixa de texto e caixa de listagem Banco de dados Criando formulário de pesquisa vinculando caixa de texto e caixa de listagem Crie um formulário no modo design. Insira uma caixa de texto Altere o nome deste objeto na folha de propriedades

Leia mais

1 Função e criação do Programa. Relatório de desenvolvimento do projecto Programador/designer : Tiago MC Simões

1 Função e criação do Programa. Relatório de desenvolvimento do projecto Programador/designer : Tiago MC Simões Relatório de desenvolvimento do projecto Programador/designer : Tiago MC Simões 1) Função e criação do Programa 2) Lista de transacções/funções 3) Interface Gráfico do programa 4) A base de dados 4.1)

Leia mais

Sistema da Comissão Nacional de Residência Médica

Sistema da Comissão Nacional de Residência Médica Sistema da Comissão Nacional de Residência Médica APRESENTAÇÃO: Este Manual apresenta as telas que são utilizadas para a navegação no Sistema de Comissão Nacional de Residência Médica. Neste manual estão

Leia mais

OBJECTIVO Utilização da Função ProcV e listas pendentes

OBJECTIVO Utilização da Função ProcV e listas pendentes ICHA OBJECTIVO Utilização da Função ProcV e listas pendentes Na continuação do exercício anterior voltamos à temática dos orçamentos e, desta vez, vamos elaborar um simulador para um serviço de eventos

Leia mais

Guia de Depósito Teses

Guia de Depósito Teses Guia de Depósito Teses Descreva o documento que está a depositar Página 1 Se seleccionar todas as opções nesta página, visualizará um formulário diferente, modificado com o intuito de capturar informações

Leia mais

ZS Rest. Manual de Iniciação. BackOffice

ZS Rest. Manual de Iniciação. BackOffice Manual de Iniciação BackOffice 1 1. Índice 2. Introdução... 2 3. Iniciar o ZSRest... 3 a) BackOffice:... 4 b) Acesso BackOffice:... 4 4. Zonas... 6 c) Criar Zona:... 7 d) Modificar Zona:... 8 e) Remover

Leia mais

MANUAL de FORMAÇÃO INICIAÇÃO. Sara Mota Marco Alves

MANUAL de FORMAÇÃO INICIAÇÃO. Sara Mota Marco Alves SECRETARIA REGIONAL DE EDUCAÇÃO DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO ESPECIAL E REABILITAÇÃO DIRECÇÃO DE SERVIÇOS DE FORMAÇÃO E ADAPTAÇÕES TECNOLÓGICAS DIVISÃO DE ADAPTAÇÃO ÀS NOVAS TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO

Leia mais

Procalc v1.0. Versão Programador

Procalc v1.0. Versão Programador Procalc v1.0 Versão Programador Conteúdo Procalc... 4 Primeiros botões... 5 Funções Básicas... 6 Como funciona... 7 Funções avançadas... 8 Logaritmo... 8 Logaritmo Natural... 9 Expoente... 10 Factorial...

Leia mais

ZSRest. Manual de Configuração. Serviço de Entregas. V2011-Certificado

ZSRest. Manual de Configuração. Serviço de Entregas. V2011-Certificado Manual de Configuração Serviço de Entregas V2011-Certificado 1 1. Índice 2. Introdução... 2 3. Configuração... 3 4. Funcionamento Frontoffice... 4 a) Pedido normal... 4 b) Pedido baseado noutras encomendas...

Leia mais

1. FILTRAR OS DADOS ATRAVÉS DE FORMULÁRIO (FILTER BY FORM)

1. FILTRAR OS DADOS ATRAVÉS DE FORMULÁRIO (FILTER BY FORM) Nesta aula prática iremos usar uma base de dados fictícia já preenchida com o nome Espaço Projecto - InfantJaundice2006.accdb. Este ficheiro foi criado pelo curso Data Management for Research, 2005, UCSF.

Leia mais

Microsoft Excel Macro V. Índice 16-) Formulários... 42 17-) Gerando código para o Formulário... 49

Microsoft Excel Macro V. Índice 16-) Formulários... 42 17-) Gerando código para o Formulário... 49 Microsoft Excel Macro V Índice 16-) Formulários... 42 17-) Gerando código para o Formulário... 49 16-) Formulários A forma mais comum de comunicação de um sistema com o usuário é por meio de caixas de

Leia mais

Gestão de bases de dados e listas

Gestão de bases de dados e listas Gestão de bases de dados e listas Uma das tarefas mais comuns em que são utilizadas folhas de cálculo é a gestão de listas (listas de números de telefone, listas de clientes, listas de tarefas, listas

Leia mais

Sistema Operativo em Ambiente Gráfico

Sistema Operativo em Ambiente Gráfico Sistema Operativo em Ambiente Gráfico Sistema Operativo Conjunto de programas fundamentais que permitem que o computador funcione e comunique com o exterior; Windows: sistema operativo mais utilizado nos

Leia mais

- A preparação do modelo, que consiste na confecção de um arquivo de texto que vai servir de base para criar um novo documento;

- A preparação do modelo, que consiste na confecção de um arquivo de texto que vai servir de base para criar um novo documento; Criando documentos de texto no BrOffice com macros e formulários Introdução Como forma de compartilhar a experiência acumulada no processo de criação de formulários e macros do BrOffice.org, para confecção

Leia mais

Parte 5 LibreOffice Base

Parte 5 LibreOffice Base Parte 5 LibreOffice Base 1. Criação do banco de dados 1. Abra o LibreOffice Base; 2. Escolha Criar um novo banco de dados e clique em Concluir; 3. Salve o banco de dados em alguma pasta do computador.

Leia mais

Aplicações de Escritório Electrónico

Aplicações de Escritório Electrónico Universidade de Aveiro Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Águeda Curso de Especialização Tecnológica em Práticas Administrativas e Tradução Aplicações de Escritório Electrónico Folha de trabalho

Leia mais

Introdução à realização de macros

Introdução à realização de macros Introdução à realização de macros 1 Introdução Macros são ações que se executam automaticamente num documento do MS Office, tal como abrir um arquivo, selecionar um campo ou fazer um cálculo, isto é, é

Leia mais

Manipulando Strings no VBA (Replace, Mid e InStr)

Manipulando Strings no VBA (Replace, Mid e InStr) Manipulando Strings no VBA (Replace, Mid e InStr) por Eduardo Vieira Machado (Good Guy) Hoje gostaria de tratar de um assunto bastante atraente no Access e que é muito trabalhado nas empresas - a manipulação

Leia mais

Os dados no MySQL são armazenado em tabelas. Uma tabela é uma colecção de informação relacionada e consiste em colunas e linhas.

Os dados no MySQL são armazenado em tabelas. Uma tabela é uma colecção de informação relacionada e consiste em colunas e linhas. MySQL 101 Recapitulando Os dados no MySQL são armazenado em tabelas. Uma tabela é uma colecção de informação relacionada e consiste em colunas e linhas. As bases de dados são úteis quando necessitamos

Leia mais

Migrar para o Excel 2010

Migrar para o Excel 2010 Neste Guia Microsoft O aspecto do Microsoft Excel 2010 é muito diferente do Excel 2003, pelo que este guia foi criado para ajudar a minimizar a curva de aprendizagem. Continue a ler para conhecer as partes

Leia mais

WEBSITE DEFIR PRO WWW.DEFIR.NET

WEBSITE DEFIR PRO WWW.DEFIR.NET MANUAL DO UTILIZADOR WEBSITE DEFIR PRO WWW.DEFIR.NET 1. 2. PÁGINA INICIAL... 3 CARACTERÍSTICAS... 3 2.1. 2.2. APRESENTAÇÃO E ESPECIFICAÇÕES... 3 TUTORIAIS... 4 3. DOWNLOADS... 5 3.1. 3.2. ENCOMENDAS (NOVOS

Leia mais

Apresentar Propostas vortalgov

Apresentar Propostas vortalgov Guia de utilização Apresentar Propostas Janeiro 2008 Índice Preâmbulo... 3 Acesso à Plataforma... 3 Área de Trabalho... 4 PPA / C. Públicos... 4 Funcionalidades da pasta PPA / C. Públicos - Activos...

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE

DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE VARIAÁ VEL Antes de iniciarmos os comandos referentes a Banco de Dados, precisamos de uma breve descrição técnica sobre Variáveis que serão uma constante em programação seja qual for sua forma de leitura.

Leia mais

A p o s t i l a M i c r o s o f t A c c e s s 97

A p o s t i l a M i c r o s o f t A c c e s s 97 A p o s t i l a M i c r o s o f t A c c e s s 97 Índice a) Access 97 b) Iniciando o Access c) Passo- a- passo d) Tabelas e) Exercício f) Consultas g) Passo- a- passo h) Formulários i) Passo- a- passo j)

Leia mais

Transição de POC para SNC

Transição de POC para SNC Transição de POC para SNC A Grelha de Transição surge no âmbito da entrada em vigor, no ano de 2010, do Sistema de Normalização Contabilística (SNC). O SNC vem promover a melhoria na contabilidade nacional,

Leia mais

PROCEDIMENTOS ARMAZENADOS (Stored Procedures)

PROCEDIMENTOS ARMAZENADOS (Stored Procedures) PROCEDIMENTOS ARMAZENADOS (Stored Procedures) 1. Introdução Stored Procedure é um conjunto de comandos, ao qual é atribuído um nome. Este conjunto fica armazenado no Banco de Dados e pode ser chamado a

Leia mais

e shutdown -a sao formas de desligamento forçados sendo -a o anulador do shutdown -s

e shutdown -a sao formas de desligamento forçados sendo -a o anulador do shutdown -s Page 1 of 7 Batch ou arquivos de lote (também conhecidos por.bat ou ponto-bat são arquivos de computador utilizados pra automatizar tarefas, é regularmente confundido com o modo de processamento de dados

Leia mais

Google Sites. A g r u p a m e n t o C a m p o A b e r t o 2 0 1 0 / 2 0 1 1

Google Sites. A g r u p a m e n t o C a m p o A b e r t o 2 0 1 0 / 2 0 1 1 Google Sites A g r u p a m e n t o C a m p o A b e r t o 2 0 1 0 / 2 0 1 1 1. Google Sites A Google veio anunciar que, para melhorar as funcionalidades centrais do Grupos Google, como listas de discussão

Leia mais

Aleph 18.01 Manual de utilização do módulo de circulação e empréstimos

Aleph 18.01 Manual de utilização do módulo de circulação e empréstimos Aleph 18.01 Manual de utilização do módulo de circulação e empréstimos Elaborado por: Amélia Janeiro e Ana Cosmelli SDUL 2008 Índice Apresentação... 3 1. Gestão de leitores... 5 1.1 Pesquisa de leitores...

Leia mais

Folha de Exercícios Nº 2 Access Informática II

Folha de Exercícios Nº 2 Access Informática II Objjeecctti ivoss:: - Criar uma base de dados - Criar tabelas - Criar relações entre tabelas - Criar consultas - Criar formulários - Criar relatórios Os empregados de um gabinete de advocacia decidiram

Leia mais

Ao conjunto total de tabelas, chamamos de Base de Dados.

Ao conjunto total de tabelas, chamamos de Base de Dados. O QUE É O ACCESS? É um sistema gestor de base de dados relacional. É um programa que permite a criação de Sistemas Gestores de Informação sofisticados sem conhecer linguagem de programação. SISTEMA DE

Leia mais

Estrutura de um endereço de Internet

Estrutura de um endereço de Internet Barras do Internet Explorer Estrutura de um endereço de Internet Na Internet, cada servidor tem uma identificação única, correspondente ao endereço definido no IP (Internet Protocol). Esse endereço é composto

Leia mais

ZS Rest. Manual de Iniciação. FrontOffice (ponto de venda)

ZS Rest. Manual de Iniciação. FrontOffice (ponto de venda) Manual de Iniciação FrontOffice (ponto de venda) 1 1. Índice 2. Introdução... 3 3. Iniciar o ZSRest FrontOffice... 4 4. Início de Operador... 5 b) Fazer login de Empregado:... 5 c) Botões de Acção:...

Leia mais

Usando Macros no. Excel

Usando Macros no. Excel CST em Logistica Decisões Apoiadas em Planilha Eletrônica Usando Macros no Excel waltenomartins@iftm.edu.br 2015 1 1 - Introdução Uma macro é uma coleção de comandos que você pode aplicar com um único

Leia mais

Os elementos básicos do Word

Os elementos básicos do Word Os elementos básicos do Word 1 Barra de Menus: Permite aceder aos diferentes menus. Barra de ferramentas-padrão As ferramentas de acesso a Ficheiros: Ficheiro novo, Abertura de um documento existente e

Leia mais

Trabalhar com macros, funções lógicas (Exemplos: Triângulo de Pascal, Domingo dês Páscoa)

Trabalhar com macros, funções lógicas (Exemplos: Triângulo de Pascal, Domingo dês Páscoa) 19 Capítulo 2 Trabalhar com macros, funções lógicas (Exemplos: Triângulo de Pascal, Domingo dês Páscoa) Cópias relativas e absolutas Nesta parte mostraremos outra vez a importância que tem o processo de

Leia mais

Centro Atlântico, Lda., 2011 Ap. 413 4764-901 V. N. Famalicão, Portugal Tel. 808 20 22 21. geral@centroatlantico.pt www.centroatlantico.

Centro Atlântico, Lda., 2011 Ap. 413 4764-901 V. N. Famalicão, Portugal Tel. 808 20 22 21. geral@centroatlantico.pt www.centroatlantico. Reservados todos os direitos por Centro Atlântico, Lda. Qualquer reprodução, incluindo fotocópia, só pode ser feita com autorização expressa dos editores da obra. Microsoft Access 2010 Colecção: Software

Leia mais

Guia de utilização. Gestão de Mensagens. Março 2009

Guia de utilização. Gestão de Mensagens. Março 2009 Guia de utilização Gestão de Mensagens Março 2009 Índice Índice... 2 Novo Serviço de Gestão de Mensagens... 3 Criar Mensagens... 4 Layout Criar Mensagens... 5 Processo Criar Mensagens... 7 Gestão das Mensagens...

Leia mais

Veja a seguir os passos utilizados na integração do Boleto Pro ao Microsoft Access:

Veja a seguir os passos utilizados na integração do Boleto Pro ao Microsoft Access: Introdução O presente artigo visa mostrar como uma empresa hipotética, a DVD e Cia Ltda, integrou o Boleto Pro (*) ao Microsoft Access para executar a emissão de boletos bancários completos (com código

Leia mais

UNIDADE 2: Sistema Operativo em Ambiente Gráfico

UNIDADE 2: Sistema Operativo em Ambiente Gráfico Ambiente Gráfico Configurações Acessórios O Sistema Operativo (SO) é o conjunto de programas fundamentais que permitem que o computador funcione e que comunique com o exterior. Actualmente o Windows é

Leia mais

Tarefa Orientada 17 Listas de dados

Tarefa Orientada 17 Listas de dados Tarefa Orientada 17 Listas de dados Estudo prático da folha de cálculo Excel - Gestão de listas como base de dados. Conceitos teóricos Lista Série de linhas da folha de cálculo que contém dados relacionados,

Leia mais

Tutorial exe elearning XHTML editor (versão 1.0x)

Tutorial exe elearning XHTML editor (versão 1.0x) UOe-L 13 Março 2008 Ficha Técnica Autor: Susana Azevedo UOe-L CEMED UA Revisão: Helder Caixinha UOe-L CEMED UA Versão: 3.0 Data de criação: 15/Dezembro/2005 Data da última revisão: 13/Março/2008 1 Tutorial

Leia mais

Aplicações de Escritório Electrónico

Aplicações de Escritório Electrónico Universidade de Aveiro Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Águeda Curso de Especialização Tecnológica em Práticas Administrativas e Tradução Aplicações de Escritório Electrónico Folha de trabalho

Leia mais

Manual. Formações Modulares Certificadas. A Relha Cooperativa de Serviços CRL. Formador/a: Ricardo Cabral. Data: 05/2013. N.

Manual. Formações Modulares Certificadas. A Relha Cooperativa de Serviços CRL. Formador/a: Ricardo Cabral. Data: 05/2013. N. Manual Formador/a: Ricardo Cabral Data: 05/2013 Formações Modulares Certificadas Área de Formação: Ciências Informáticas UFCD: 0755 Funcionalidades Avançadas N.º Horas: 25 A Relha Cooperativa de Serviços

Leia mais

DADOS COM MICROSOFT ACCESS

DADOS COM MICROSOFT ACCESS VIDAL DE CARVALHO ANA AZEVEDO ANTÓNIO ABREU BASES DE DADOS COM MICROSOFT ACCESS 2007 Portugal/2008 Microsoft is a registered trademark of Microsoft Corporation in the United States and/or other countries

Leia mais

Folha de cálculo. Excel. Agrupamento de Escolas de Amares

Folha de cálculo. Excel. Agrupamento de Escolas de Amares Folha de cálculo Excel Agrupamento de Escolas de Amares Índice 1. Funcionalidades básicas... 3 1.1. Iniciar o Excel... 3 1.2. Criar um livro novo... 3 1.3. Abrir um livro existente... 3 1.4. Inserir uma

Leia mais