Programação. Folha Prática 6. Lab. 6. Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal. Copyright 2010 All rights reserved.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Programação. Folha Prática 6. Lab. 6. Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal. Copyright 2010 All rights reserved."

Transcrição

1 Programação Folha Prática 6 Lab. 6 Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal Copyright 2010 All rights reserved.

2 1. Revisão. 2. Objectivos. 3. Exercícios LAB. 6 6ª semana SUBPROGRAMAS

3 Lab. 6 SUBPROGRAMAS 1. Revisão 1. Cabeçalho (tipo de retorno, nome e parâmetros) e corpo de uma função. 2. Protótipo: declaração da função. 3. Chamada da função. 4. Implementação da função. 5. Comunicação entre funções. 2. Objectivos No final deste módulo prático, o aluno deve ser capaz de: 1. Fazer a análise prévia dum problema, decompor um problema em sub-problemas, e depois, para cada um deles, identificar as entradas e a saída, bem como um algoritmo para cada sub-problema que produza a sua saída a partir das suas entradas. 2. Os subprogramas por ora tratados podem ter n entradas, mas só têm uma saída. 3. Programar em C usando subprogramas e estruturas de controlo. 3. Exercícios Exercício 6.1 (Par ou ímpar) Escreva um programa em C que determine que determine se um dado número inteiro é par ou ímpar. Deverá usar a função parouimpar, cujo protótipo a seguir se apresenta e que escreve no ecrã O número é par ou O número é ímpar consoante o inteiro passado como parâmetro seja par ou ímpar, respectivamente: void parouimpar (int);

4 Codifique também as funções par e impar e resolva o exercício com elas: int par (int); Retorna 1 se o inteiro passado como parâmetro for par e 0 caso contrário. int impar (int);. Retorna 1 se o inteiro passado como parâmetro for ímpar e 0 caso contrário. Exercício 6.2 (Maior de 3 números versão 1) Escreva um programa em C que determine o maior de três números inteiros. Deverá usar a função maiorderes, cujo protótipo a seguir se apresenta e que devolve o maior dos inteiros passados como parâmetro. int maiorderes (int, int, int); Exercício 6.3 (Maior de 3 números versão 2) Repita o exercício usando simplesmente a função maior que retorna o maior de dois números: int maior (int, int); Exercício 6.4 (Média de 2 números) Escreva um programa em C que determine a média de dois números inteiros. Deverá usar a função media, cujo protótipo a seguir se apresenta e que devolve a media dos inteiros passados como parâmetro. float media (int, int); Exercício 6.5 (Máximo e mínimo de N números) Escreva um programa em C que permita determinar o maior e o menor número duma sequência de N números inteiros dados pelo utilizador. O valor de N deverá ser superior ou igual a 2. Se não for o seu valor deverá ser pedido novamente até obter um valor válido. A introdução de números deverá terminar quando forem inseridos N números. Nessa altura a aplicação deverá mostrar o valor máximo e mínimo de entre os valores introduzidos. Deverá usar as funções maximo e minimo, cujos protótipos a seguir se apresentam: float maximo (float, float); Devolve o maior dos reais passados como parâmetros.

5 float minimo (float, float); Devolve o maior dos reais passados como parâmetros. Exercício 6.6 (abuada) Escreva um programa em C que apresente no ecrã a tabuada de N. Para isso deverá pedir ao utilizador o valor de N que deverá ser obrigatoriamente maior ou igual 1 e menor ou igual a 10. A tabuada apresentada é o exemplo para N = 2. 2 x 1 = 2 2 x 2 = 4 2 x 3 = 6 2 x 4 = 8 2 x 5 = 10 2 x 6 = 12 2 x 7 = 14 2 x 8 = 16 2 x 9 = 18 2 x 10 = 20 Deverá usar a função tabuada, cujo protótipo a seguir se apresenta e que escreve no ecrã a tabuada do inteiro passado como parâmetro: void tabuada (int); Exercício 6.7 (Quadrado de números) Escreva um programa em C que apresente no ecrã um quadrado de números como o que se segue. Para isso deverá pedir ao utilizador o valor de N que deverá ser obrigatoriamente maior ou igual 2. O quadrado apresentado é o exemplo para N = Deverá usar a função quadrado, cujo protótipo a seguir se apresenta e que escreve no ecrã um quadrado do tipo anterior onde o inteiro passado como parâmetro é o número de linhas: void quadrado (int); Exercício 6.8 (Árvore de Natal) Escreva um programa em C que desenhe no ecrã uma árvore de Natal como a que se segue.

6 * ** * ** * Deverá usar a função escrevecaracter, cujo protótipo a seguir se apresenta e que escreve o caracter passado no primeiro parâmetro tantas vezes quantas forem passadas no segundo parâmetro: void escrevecaracter (char, int); Exemplo: escrevecaracter ( *, 13) escreve 13 vezes o caracter * no ecrã. Deverá também pedir ao utilizador: o valor de B que representa o número de asteriscos (*) na base da árvore. O valor de B deverá ser obrigatoriamente ímpar e maior ou igual 3. o valor de L e A que representam, respectivamente a largura e a altura do tronco da árvore. A largura do tronco L deverá ser pelo menos 1 asterisco, deverá ser obrigatoriamente ímpar e não poderá ultrapassar metade de B, isto é metade do número de asteriscos da base. A altura do tronco A deverá ser pelo menos 2 asteriscos e também não deverá ultrapassar metade de B. Em caso de valores inválidos o programa deverá apresentar um erro e voltar a pedi-los. O exemplo da árvore acima tem uma base com B = 13 asteriscos, um tronco com largura L = 3 asteriscos e altura A = 4 asteriscos. Exercício 6.9 (Pirâmide de números) Escreva um programa em C que apresente num ecrã uma pirâmide de números como a que se segue. Para isso deverá pedir ao utilizador o valor de N que deverá ser obrigatoriamente maior ou igual 2. A pirâmide apresentada é o exemplo para N = Deverá usar as funções com os protótipos seguintes: void escrevecaracter (char, int); escreve o carácter passado no primeiro parâmetro tantas vezes quantas forem passadas no segundo parâmetro.

7 void escrevenumerosasc (int, int); escreve os números inteiros entre o primeiro parâmetro e o segundo em ordem crescente. void escrevenumerosdesc (int, int); escreve os números inteiros entre o primeiro parâmetro e o segundo em ordem decrescente. Exercício 6.10 (Pirâmide de números invertida) Altere o programa anterior para desenhar uma pirâmide de números invertida Exercício 6.11 (riângulos) Construa as seguintes funções: void escrevecaracter (char, int); escreve o carácter passado no primeiro parâmetro tantas vezes quantas forem passadas no segundo parâmetro. void triangulo1 (int); Recebe o número de caracteres que formam a base de um triângulo rectângulo. Desenha o triângulo usando a função escrevercaracter. Por exemplo, se base = 5, o triângulo a criar deve ser o seguinte: void triangulo2 (int base); Recebe o número de caracteres que formam a base de um triângulo rectângulo. Desenha o triângulo usando a função escrevercaracter. Por exemplo, se base = 5 o triângulo a criar deve ser o seguinte:

8 A função escrevercaracter deve ser usada dentro das funções triangulo1 e triangulo2 para escrever os caracteres ' ' (espaço) e '' (letra maiúscula). O programa principal deve pedir ao utilizador o tamanho da base e chamar as funções triangulo1 e triangulo2 para construir os triângulos. EXEMPLO DE INPU/OUPU: Introduza o tamanho da base: 6 Exercício 6.12 (riângulos versão 2) Altere as funções do exercício anterior para desenhar os seguintes triângulos e produzir o output que se segue quando o tamanho da base é 6:

Programação. Folha Prática 5. Lab. 5. Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal Copyright 2010 All rights reserved.

Programação. Folha Prática 5. Lab. 5. Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal Copyright 2010 All rights reserved. Programação Folha Prática 5 Lab. 5 Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal 2015 Copyright 2010 All rights reserved. 1. Revisão. 2. Objectivos. 3. Exercícios LAB. 5 5ª semana

Leia mais

Programação. Folha Prática 5. Lab. 5. Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal. Copyright 2010 All rights reserved.

Programação. Folha Prática 5. Lab. 5. Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal. Copyright 2010 All rights reserved. Programação Folha Prática 5 Lab. 5 Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal Copyright 2010 All rights reserved. 1. Revisão. 2. Objectivos. 3. Exercícios LAB. 5 5ª semana ESTRUTURAS

Leia mais

Programação. Folha Prática 7. Lab. 7. Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal Copyright 2010 All rights reserved.

Programação. Folha Prática 7. Lab. 7. Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal Copyright 2010 All rights reserved. Programação Folha Prática 7 Lab. 7 Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal 2015 Copyright 2010 All rights reserved. 1. Revisão. 2. Objectivos. 3. Exercícios LAB. 7 7ª semana

Leia mais

Instruções de repetição

Instruções de repetição Folha Prática Instruções de repetição 1 Instruções de repetição Repetição (e componentes associadas a qualquer repetição: inicialização, teste da condição de paragem e actualização) Repetição com teste

Leia mais

Instruções de repetição

Instruções de repetição Instruções de repetição Estruturas de controlo na linguagem C Repetição (e componentes associadas a qualquer repetição: inicialização, teste da condição de paragem e actualização) Repetição com teste à

Leia mais

Programação. Folha Prática 9. Lab. 9. Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal. Copyright 2010 All rights reserved.

Programação. Folha Prática 9. Lab. 9. Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal. Copyright 2010 All rights reserved. Programação Folha Prática 9 Lab. 9 Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal Copyright 2010 All rights reserved. LAB. 9 9ª semana SUBPROGRAMAS+STRUCTS+ARRAYS DE STRUCTS 1. Revisão.

Leia mais

Programação. Folha Prática 6. Lab. 6. Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal Copyright 2010 All rights reserved.

Programação. Folha Prática 6. Lab. 6. Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal Copyright 2010 All rights reserved. Programação Folha Prática 6 Lab. 6 Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal 2015 Copyright 2010 All rights reserved. 1. Revisão. 2. Objectivos. 3. Exercícios LAB. 6 6ª semana

Leia mais

Programação. Folha Prática 10. Lab. 10. Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal. Copyright 2010 All rights reserved.

Programação. Folha Prática 10. Lab. 10. Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal. Copyright 2010 All rights reserved. Programação Folha Prática 10 Lab. 10 Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal Copyright 2010 All rights reserved. 1. Revisão. 2. Objectivos. 3. Exercícios LAB. 10 10ª semana

Leia mais

1. Programação - Linguagem C /20

1. Programação - Linguagem C /20 . Programação - Linguagem C. Implemente um programa em C, que determine o maior e o menor número de uma sequência de números inteiros (elementos N). A introdução é feita pelo utilizador e esta deverá terminar

Leia mais

Desenho de algoritmos

Desenho de algoritmos Folha Prática Desenho de Algoritmos 1 Desenho de algoritmos Resolver as questões que se seguem usando fluxogramas ou uma outra linguagem para algoritmos. A. Instruções/acções de atribuição e leitura/escrita

Leia mais

Folha Prática 2. Lab. 2

Folha Prática 2. Lab. 2 Programação Folha Prática 2 Lab. 2 Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal 2010 Copyright 2010 All rights reserved. 1. Revisão dos conceitos fundamentais da programação de computadores

Leia mais

EMGI Programação. Ficha 7 Resolução. Programação 1 Calcular a hipotenusa de um triângulo rectângulo, sabendo as medidas dos seus catetos:

EMGI Programação. Ficha 7 Resolução. Programação 1 Calcular a hipotenusa de um triângulo rectângulo, sabendo as medidas dos seus catetos: Programação 1 Calcular a hipotenusa de um triângulo rectângulo, sabendo as medidas dos seus catetos: variáveis cat1, cat2, hipotenusa : real; escrever ( Escreva a medida do cateto 1: ); ler (cat1); escrever

Leia mais

Programação. Folha Prática 4. Lab. 4. Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal 2015. Copyright 2010 All rights reserved.

Programação. Folha Prática 4. Lab. 4. Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal 2015. Copyright 2010 All rights reserved. Programação Folha Prática 4 Lab. 4 Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal 2015 Copyright 2010 All rights reserved. LAB. 4 4ª semana CONCEÇÃO DE ALGORITMOS E ESTRUTURAS DE CONTROLO

Leia mais

Ficheiros de texto 1. Ficheiros de texto. 1. Implementar um programa que leia uma frase do teclado e a escreva num ficheiro.

Ficheiros de texto 1. Ficheiros de texto. 1. Implementar um programa que leia uma frase do teclado e a escreva num ficheiro. Ficheiros de texto 1 Ficheiros de texto 1. Implementar um programa que leia uma frase do teclado e a escreva num ficheiro. 2. Implementar um programa que procure num ficheiro uma palavra lida do teclado.

Leia mais

Linguagens de programação. Introdução ao C (continuação)

Linguagens de programação. Introdução ao C (continuação) Linguagens de programação Introdução ao C (continuação) M@nso 2003 Sumário Introdução à programação Linguagem C Repetição de instruções Ciclos com controlo inicial ciclo While ciclo For Ciclos com controlo

Leia mais

Programação Universidade da Beira Interior Departamento de Informática 2007/08

Programação Universidade da Beira Interior Departamento de Informática 2007/08 Programação Universidade da Beira Interior Departamento de Informática 1. Faça o fluxograma e o respectivo programa que resolva equações de 2º grau (ax 2 +bx+c=0). O programa deverá pedir ao utilizador

Leia mais

PROGRAMAÇÃO DE MICROPROCESSADORES 2011 / 2012

PROGRAMAÇÃO DE MICROPROCESSADORES 2011 / 2012 Departamento de Engenharia Electrotécnica PROGRAMAÇÃO DE MICROPROCESSADORES 2011 / 2012 Mestrado Integrado em Engenharia Electrotécnica e Computadores 1º ano 1º semestre Trabalho nº 5 Funções http://tele1.dee.fct.unl.pt/pm

Leia mais

1ª Lista de Exercícios

1ª Lista de Exercícios Universidade Federal do Rio de Janeiro Data: 26/04/05 Disciplina: Computação I 1ª Lista de Exercícios 1) Faça um programa, em pseudo-código, que peça ao usuário que informe n números reais e então calcule

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÓFONA DE HUMANIDADES E TECNOLOGIAS 1º Semestre 2007/2008

UNIVERSIDADE LUSÓFONA DE HUMANIDADES E TECNOLOGIAS 1º Semestre 2007/2008 UNIVERSIDADE LUSÓFONA DE HUMANIDADES E TECNOLOGIAS 1º Semestre 2007/2008 Introdução à Programação em C 28/01/2008 Leia com atenção as perguntas e justifique cuidadosamente todas as respostas 1. Descreva,

Leia mais

Lógica e Linguagem de Programação Convertendo um algoritmo em pseudocódigo para a linguagem C Professor: Danilo Giacobo

Lógica e Linguagem de Programação Convertendo um algoritmo em pseudocódigo para a linguagem C Professor: Danilo Giacobo Lógica e Linguagem de Programação Convertendo um algoritmo em pseudocódigo para a linguagem C Professor: Danilo Giacobo Este documento explica como transformar um algoritmo escrito na forma pseudocódigo

Leia mais

Programação. Folha Prática 4. Lab. 4. Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal. Copyright 2010 All rights reserved.

Programação. Folha Prática 4. Lab. 4. Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal. Copyright 2010 All rights reserved. Programação Folha Prática 4 Lab. 4 Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal Copyright 2010 All rights reserved. LAB. 4 4ª semana DESENHO E CONSTRUÇÃO DE ALGORITMOS 1. Revisão

Leia mais

Computação 2. Diego Addan Aula 3. Funções

Computação 2. Diego Addan Aula 3. Funções Computação 2 Aula 3 Funções Diego Addan diegoaddan@gmail.com Funções Função é um subprograma que auxilia o programa principal através da realização de uma determinada subtarefa. As funções são chamados

Leia mais

Escreva a função e_caracter que verifica se um determinado caracter é um numero ou não. Escreva um Programa de teste da função.

Escreva a função e_caracter que verifica se um determinado caracter é um numero ou não. Escreva um Programa de teste da função. Engenharia informatica Escreva a função e_caracter que verifica se um determinado caracter é um numero ou não. Escreva um Programa de teste da função. #include Int e_caracter (char c) { Return(

Leia mais

Exercícios Data Modeling

Exercícios Data Modeling Exercícios Data Modeling I Algoritmos 1. Construir um algoritmo, em pseudo-código, para calcular o mínimo múltiplo comum entre 2 inteiros X e Y 2. Construir um algoritmo, em pseudo-código, para determinar

Leia mais

PROGRAMAÇÃO DE MICROPROCESSADORES 2009 / 2010

PROGRAMAÇÃO DE MICROPROCESSADORES 2009 / 2010 Departamento de Engenharia Electrotécnica PROGRAMAÇÃO DE MICROPROCESSADORES 2009 / 2010 Mestrado Integrado em Engenharia Electrotécnica e Computadores 1º ano 2º semestre Trabalho nº 5 Funções e Vectores

Leia mais

Disciplina de Algoritmos e Programação

Disciplina de Algoritmos e Programação Disciplina de Algoritmos e Programação Aula Passada 1º Programa: olamundo.c #include // biblioteca padrão de E/S /* Programa Olá Mundo */ int main(void) { printf( Olá mundo\n ); //exibe Olá mundo

Leia mais

Programação. Folha Prática 1. Lab. 1. Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal Copyright Ó 2000 All rights reserved.

Programação. Folha Prática 1. Lab. 1. Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal Copyright Ó 2000 All rights reserved. Programação Folha Prática 1 Lab. 1 Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal 2016 Copyright Ó 2000 All rights reserved. LAB. 1 1ª semana INTRODUÇÃO À PROGRAMAÇÃO 1. Introdução

Leia mais

Objectivos. Programação I (2010/2011) 2 o Trabalho de Programação

Objectivos. Programação I (2010/2011) 2 o Trabalho de Programação Programação I (2010/2011) 2 o Trabalho de Programação Introdução As progressões aritméticas e geométricas são exemplos de sucessões numéricas onde o elemento n + 1 depende do elemento n e de uma constante.

Leia mais

Exercícios Repetição. 8.3 Exercícios

Exercícios Repetição. 8.3 Exercícios Curso de Graduação em Ciência da Computação Disciplina: Algoritmos Professor: Marcelo Cendron Exercícios Repetição 8.3 Exercícios 1. Faça um programa utilizando o comando while, que fica lendo números

Leia mais

Variáveis, Tipos de Dados e Operadores

Variáveis, Tipos de Dados e Operadores ! Variáveis, Tipos de Dados e Operadores Engenharias Informática Aplicada 2.o sem/2013 Profa Suely (e-mail: smaoki@yahoo.com) VARIÁVEL VARIÁVEL É um local lógico, ligado a um endereço físico da memória

Leia mais

Universidade Federal de Uberlândia Faculdade de Computação. Linguagem C: funções

Universidade Federal de Uberlândia Faculdade de Computação. Linguagem C: funções Universidade Federal de Uberlândia Faculdade de Computação Linguagem C: funções Prof. Renato Pimentel 1 Subprogramas Subprograma: programa que auxilia o programa principal na realização de uma determinada

Leia mais

INFORMÁTICA APLICADA AULA 05 LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO C++

INFORMÁTICA APLICADA AULA 05 LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO C++ UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO CURSO: Bacharelado em Ciências e Tecnologia INFORMÁTICA APLICADA AULA 05 LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO C++ Profª ª Danielle Casillo LAÇOS Laços são comandos da linguagem

Leia mais

Para cada programa, por mais simples que seja, comece sempre por esboçar a solução desenhando um fluxograma.

Para cada programa, por mais simples que seja, comece sempre por esboçar a solução desenhando um fluxograma. Instruções de Repetição Objetivo A realização deste trabalho deverá permitir ao aluno a familiarização com a utilização de instruções de repetição em C. Para o efeito será proposto um conjunto de exercícios

Leia mais

Estruturas. K&R: Capitulo 6. Estruturas IAED, 2014/2015. Introdução às Estruturas Estruturas e Funções Vectores de Estruturas Typedef Exemplo

Estruturas. K&R: Capitulo 6. Estruturas IAED, 2014/2015. Introdução às Estruturas Estruturas e Funções Vectores de Estruturas Typedef Exemplo Estruturas K&R: Capitulo 6 Estruturas Introdução às Estruturas Estruturas e Funções Vectores de Estruturas Typedef Exemplo 2 1 Motivação Definir uma representação agregada na linguagem C para manipular

Leia mais

Programação. Folha Prática 3. Lab. 3. Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal 2015. Copyright 2010 All rights reserved.

Programação. Folha Prática 3. Lab. 3. Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal 2015. Copyright 2010 All rights reserved. Programação Folha Prática 3 Lab. 3 Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal 2015 Copyright 2010 All rights reserved. LAB. 3 3ª semana EXPRESSÕES E INSTRUÇÕES 1. Revisão de conceitos

Leia mais

Programação 2012/2013 1º Semestre MEEC Laboratório 2 Semana de 22 de Outubro de 2012

Programação 2012/2013 1º Semestre MEEC Laboratório 2 Semana de 22 de Outubro de 2012 Programação 2012/2013 1º Semestre MEEC Laboratório 2 Semana de 22 de Outubro de 2012 1. Implemente os programas cujos fluxogramas foram definidos na aula de problemas da semana passada: Exercício 7- Calculo

Leia mais

CADERNO DE EXERCÍCIOS ALGORITMOS

CADERNO DE EXERCÍCIOS ALGORITMOS J. EXERCÍCIOS SOBRE MODULARIZAÇÃO 77. Faça uma função que recebe um número inteiro por parâmetro e retorna verdadeiro se ele for par e falso se for ímpar. 78. Escreva um programa que leia o raio de um

Leia mais

ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA DE TOMAR DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA INFORMÁTICA 2006/2007

ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA DE TOMAR DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA INFORMÁTICA 2006/2007 ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA DE TOMAR DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA INFORMÁTICA INTRODUÇÃO À PROGRAMAÇÃO (ENG. INFORMÁTICA) COMPUTADORES E PROGRAMAÇÃO I (ENG. ELECTROTÉCNICA) 2006/2007 TRABALHO PRÁTICO Nº

Leia mais

1. Selecione a Estrutura de Dados que melhor representa os diretórios ou pastas de arquivos do computador.

1. Selecione a Estrutura de Dados que melhor representa os diretórios ou pastas de arquivos do computador. 1. Selecione a Estrutura de Dados que melhor representa os diretórios ou pastas de arquivos do computador. 1) Fila 2) Pilha 3) Árvore 4) Lista 5) Grafo 2. Selecione a Estrutura de Dados que melhor representa

Leia mais

CURSO BÁSICO DE PROGRAMAÇÃO AULA 16. Ordenação Revisão para a prova

CURSO BÁSICO DE PROGRAMAÇÃO AULA 16. Ordenação Revisão para a prova CURSO BÁSICO DE PROGRAMAÇÃO AULA 16 Ordenação Revisão para a prova Algoritmos de Ordenação São algoritmos que organizam uma sequência (por exemplo, os elementos de um vetor) em ordem crescente ou decrescente.

Leia mais

Ficha de trabalho nº3

Ficha de trabalho nº3 Ficha de trabalho nº3 Linguagem de Programação C (strings, switch, os ciclos for, while e do..while, break, continue, ++, --, +=, -=) 1. Elabore um programa que pede ao utilizador o nome e a idade e de

Leia mais

2 Fluxogramas e Pseudocódigo. 18 Programação em C/C++ estrutura básica e conceitos fundamentais

2 Fluxogramas e Pseudocódigo. 18 Programação em C/C++ estrutura básica e conceitos fundamentais 2 Fluxogramas e Pseudocódigo 18 Programação em C/C++ estrutura básica e conceitos fundamentais 1 Algoritmos em linguagem informal e em linguagens formais Voltemos a considerar alguns algoritmos que traduzem

Leia mais

Lista de Exercícios - Listas Aula de Laboratório. 1. Considerando as seguintes declarações de uma lista encadeada:

Lista de Exercícios - Listas Aula de Laboratório. 1. Considerando as seguintes declarações de uma lista encadeada: Lista de Exercícios - Listas Aula de Laboratório 1. Considerando as seguintes declarações de uma lista encadeada: para representar o cadastro de alunos de uma disciplina, implemente uma função que insira

Leia mais

Recursão. Aula 1. Liana Duenha. Faculdade de Computação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul

Recursão. Aula 1. Liana Duenha. Faculdade de Computação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul Recursão Aula 1 Liana Duenha Faculdade de Computação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul Algoritmos e Programação II, Análise de Sistemas, 2010 Martinez & Rubert (FACOM) Recursão APIIAS 1 / 25 Conteúdo

Leia mais

Funções de Entrada e Saída

Funções de Entrada e Saída inicio Escrita no ecrã (Saída de dados) Escrever( introduza o valor do raio ) Raio Leitura do valor do raio S Raio < 0 N O utilizador insere o valor do raio (Entrada de dados do teclado) Escrita no ecrã

Leia mais

2 Fluxogramas e Pseudocódigo

2 Fluxogramas e Pseudocódigo 2 Fluxogramas e Pseudocódigo Programação em C/C++ estrutura básica e conceitos fundamentais 1 Algoritmos em linguagem informal e em linguagens formais Voltemos a considerar alguns algoritmos que traduzem

Leia mais

1ª LISTA DE EXERCÍCIOS

1ª LISTA DE EXERCÍCIOS Departamento de Informática 205/2 ª LISTA DE EXERCÍCIOS Essa lista de exercícios deve ser resolvida integralmente usando o ambiente BOCA. Instruções gerais para o uso do BOCA: O BOCA é um programa que

Leia mais

Elementos Básicos de Programação

Elementos Básicos de Programação Capítulo 2 Elementos Básicos de Programação 1. Escreva um programa em Python que pede ao utilizador que lhe forneça dois números (x e y) equeescreveovalorde(x + 3 * y) * (x - y). Oseuprogramadevegerarumainteraçãocomoaseguinte:

Leia mais

Introdução a linguagem C. Introdução à Programação 06/07

Introdução a linguagem C. Introdução à Programação 06/07 Introdução a linguagem C Introdução à Programação 06/07 A LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO C A linguagem C foi criada, na década de setenta, por Dennis M. Ritchie; Apesar de se considerar uma linguagem de alto

Leia mais

Conceito de procedimentos e funções

Conceito de procedimentos e funções Tópicos Introdução Como funcionam as funções Declaração de funções Exemplo de funções 1 Introdução As funções, são unidades de código desenhadas para cumprir uma determinada tarefa. Até agora, já utilizamos

Leia mais

Universidade Federal de Uberlândia - UFU Faculdade de Computação - FACOM Lista de exercícios de programação em linguagem Python

Universidade Federal de Uberlândia - UFU Faculdade de Computação - FACOM Lista de exercícios de programação em linguagem Python Universidade Federal de Uberlândia - UFU Faculdade de Computação - FACOM Lista de exercícios de programação em linguagem Python Exercícios: Funções 1. Crie uma função que recebe como parâmetro um número

Leia mais

Alocação Dinâmica em C

Alocação Dinâmica em C Alocação Dinâmica em C Anderson L. S. Moreira anderson.moreira@recife.ifpe.edu.br http://dase.ifpe.edu.br/~alsm 1 O que fazer com essa apresentação 2 Introdução A alocação dinâmica de memória é uma característica

Leia mais

Introdução à Programação em C

Introdução à Programação em C Introdução à Programação em C Tipos e Operadores Elementares Estruturas de Controlo Resumo Novidades em C Exemplo: Factorial Tipos de Dados Básicos Saltos Condicionais: if-then-else Valor de retorno de

Leia mais

Faculdade Anglo-Americano Curso de Ciência da Computação Linguagem de Programação. Lista de Exercícios 1

Faculdade Anglo-Americano Curso de Ciência da Computação Linguagem de Programação. Lista de Exercícios 1 Faculdade Anglo-Americano Curso de Ciência da Computação Linguagem de Programação Lista de Exercícios 1 1. O programa seguinte tem vários erros em tempo de compilação. Encontre-os. Main() int a=1; b=2,

Leia mais

Universidade Federal de Uberlândia Faculdade de Computação. Estruturas de repetição

Universidade Federal de Uberlândia Faculdade de Computação. Estruturas de repetição Universidade Federal de Uberlândia Faculdade de Computação Estruturas de repetição Prof. Renato Pimentel 1 Estruturas de repetição Utilização: Trecho de um algoritmo precisa ser executado mais de uma vez:

Leia mais

1. caminhe até o jornal, 2. apanhe-o, 3. retorne ao ponto de partida.

1. caminhe até o jornal, 2. apanhe-o, 3. retorne ao ponto de partida. Problema 1 Sua primeira tarefa é a de resolver um problema simples no mundo de Reeborg Suponha que Reeborg se encontra em sua casa representada pelo quadrado no centro do seguinte diagrama: Figura 1 Reeborg

Leia mais

02. [Sebesta, 2000] Qual é o perigo potencial dos nomes que fazem distinção entre maiúsculas e minúsculas?

02. [Sebesta, 2000] Qual é o perigo potencial dos nomes que fazem distinção entre maiúsculas e minúsculas? 01. [Sebesta, 2000] Quais são as questões de projeto referentes a nomes? Nomes, Vinculações, Verificação de Tipos e Escopos 02. [Sebesta, 2000] Qual é o perigo potencial dos nomes que fazem distinção entre

Leia mais

Apresentação da ferramenta de programação. Comandos de entrada e saída. Prof. Alex Camargo

Apresentação da ferramenta de programação. Comandos de entrada e saída. Prof. Alex Camargo UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAMPUS BAGÉ ALGORITMOS E PROGRAMAÇÃO Apresentação da ferramenta de programação. Comandos de entrada e saída Prof. Alex Camargo alexcamargoweb@gmail.com Linguagem C A linguagem

Leia mais

INF 1620 P4-06/12/02 Questão 1 Nome:

INF 1620 P4-06/12/02 Questão 1 Nome: INF 1620 P4-06/12/02 Questão 1 (a) Escreva uma função em C que receba como parâmetro um número inteiro não negativo e retorne, como resultado da função, o valor do seu fatorial. O cabeçalho desta função

Leia mais

Universidade Federal de Uberlândia - UFU Faculdade de Computação - FACOM Lista de exercícios de programação em linguagem C

Universidade Federal de Uberlândia - UFU Faculdade de Computação - FACOM Lista de exercícios de programação em linguagem C Universidade Federal de Uberlândia - UFU Faculdade de Computação - FACOM Lista de exercícios de programação em linguagem C Exercícios: Funções 1. Crie uma função que recebe como parâmetro um número inteiro

Leia mais

Working 05 : Modularização

Working 05 : Modularização Universidade Federal do Espírito Santo Centro Tecnólogico Working 05 : Modularização Objetivos: Entender como é estruturada uma função em C e lembrar como é feita a comunicação entre funções; Praticar

Leia mais

Desenvolvimento de programas. Análise do problema. Análise do problema. Análise do problema. Desenvolvimento do algoritmo. Codificação do programa

Desenvolvimento de programas. Análise do problema. Análise do problema. Análise do problema. Desenvolvimento do algoritmo. Codificação do programa Desenvolvimento de programas 1 Análise do problema Desenvolvimento do algoritmo Codificação do programa Compilação e execução Teste e depuração Análise do problema 2 Conhecer exatamente o que o problema

Leia mais

PROGRAMAÇÃO FUNÇÕES NA LINGUAGEM C

PROGRAMAÇÃO FUNÇÕES NA LINGUAGEM C PROGRAMAÇÃO FUNÇÕES NA LINGUAGEM C 1 Implementações básicas: a) Implementar o procedimento LerMatriz que preenche uma matriz de L linhas por C colunas de inteiros (L, C 1); b) Implementar o procedimento

Leia mais

CAPÍTULO 5 ESTRUTURAS DE REPETIÇÃO

CAPÍTULO 5 ESTRUTURAS DE REPETIÇÃO CAPÍTULO 5 ESTRUTURAS DE REPETIÇÃO Fabio Augusto Oliveira Guilherme da Cunha Fonseca FEPI Centro Universitário de Itajubá Curso de Engenharia de Produção 1 INTRODUÇÃO Em vários momentos, na programação,

Leia mais

2ª Lista de Exercícios de Programação I

2ª Lista de Exercícios de Programação I 2ª Lista de Exercícios de Programação I Instrução As questões devem ser implementadas em C. 1. Faça um programa que leia um número inteiro maior que zero e informe se é par ou ímpar. * 2. Faça um programa

Leia mais

LINGUAGEM C: FUNÇÕES FUNÇÃO 04/07/2017. Funções são blocos de código que podem ser nomeados e chamados de dentro de um programa.

LINGUAGEM C: FUNÇÕES FUNÇÃO 04/07/2017. Funções são blocos de código que podem ser nomeados e chamados de dentro de um programa. LINGUAGEM C: FUNÇÕES Prof. André Backes FUNÇÃO Funções são blocos de código que podem ser nomeados e chamados de dentro de um programa. printf(): função que escreve na tela scanf(): função que lê o teclado

Leia mais

1ª LISTA DE EXERCÍCIOS

1ª LISTA DE EXERCÍCIOS UNIVERSIDADE SALGADO DE OLIVEIRA CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO DISCIPLINA: TEORIA DA COMPUTAÇÃO E ALGORITMOS PROF: GIULIANO PRADO DE MORAIS GIGLIO 1ª LISTA DE EXERCÍCIOS 1) Sobre variáveis, responda

Leia mais

1.a) Qual a diferença entre uma linguagem de programação de alto nível e uma linguagem de programação de baixo nível?

1.a) Qual a diferença entre uma linguagem de programação de alto nível e uma linguagem de programação de baixo nível? P1 Conceitos (2,4 valores) 1.a) Qual a diferença entre uma linguagem de programação de alto nível e uma linguagem de programação de baixo nível? (0.8v) 1.b) Indique três vantagens de criar um programa

Leia mais

Sub-rotinas. 2014/2 Programação Básica de Computadores (INF 09325) Freddy Brasileiro

Sub-rotinas. 2014/2 Programação Básica de Computadores (INF 09325) Freddy Brasileiro Sub-rotinas 2014/2 Programação Básica de Computadores (INF 09325) Freddy Brasileiro www.inf.ufes.br/~fbrasileiro fbrasileiro@inf.ufes.br Programa / Bibliografia 4. Sub-programas e funções 1. Funções e

Leia mais

AULA TEÓRICA 7. Tema 4. Estruturas de controlo (continuação).

AULA TEÓRICA 7. Tema 4. Estruturas de controlo (continuação). AULA TEÓRICA 7 Tema 4. Estruturas de controlo (continuação). Ø Selecção múltipla. Instrução switch-case. Ø Repetição. O ciclo while. O ciclo do-while. O ciclo for. Ciclos for encadeados. Ø Repetição. O

Leia mais

2ª Licenciatura AED1 e PC1 Prof. Eduardo 1 1 MODULARIZAÇÃO

2ª Licenciatura AED1 e PC1 Prof. Eduardo 1 1 MODULARIZAÇÃO 2ª Licenciatura AED1 e PC1 Prof. Eduardo 1 1 MODULARIZAÇÃO A identificação de problemas mais complexos resultará no desenvolvimento de algoritmos também mais complexos para resolve-os. Uma abordagem eficiente

Leia mais

Legibilidade do código fonte

Legibilidade do código fonte Sumário Legibilidade do código fonte Exemplos Normas Instrução switch Sintaxe e Semântica Exemplo Tipos enumerados Exemplo Programação 2007/2008 DEEC-IST 1 Legibilidade do código fonte Exemplo: Considere

Leia mais

ESTRUTURAS COMPOSTAS. Variáveis Compostas Unidimensionais VETOR. Baseado nos slides de Rosely Sanches e Simone Senger de Souza

ESTRUTURAS COMPOSTAS. Variáveis Compostas Unidimensionais VETOR. Baseado nos slides de Rosely Sanches e Simone Senger de Souza ESTRUTURAS COMPOSTAS Variáveis Compostas Unidimensionais VETOR Baseado nos slides de Rosely Sanches e Simone Senger de Souza 2 ESTRUTURAS COMPOSTAS Pode-se organizar os dados dos tipos simples em tipos

Leia mais

Introdução a Programação na Linguagem C.

Introdução a Programação na Linguagem C. Introdução a Programação na Linguagem C. Prof. Gemilson George E-mail: gemilson@geo.com.br Skype: gemilson_geo MSN: gemilsongeorge@gmail.com Facebook: facebook.com/gemilson Fone: (83)8880-2046 Blog: informaticageo.wordpress.com

Leia mais

5COP088. Aula 2 Linguagem Estruturada Prof. Dr. Sylvio Barbon Junior. Laboratório de Programação. Aula 2 Linguagem Estruturada

5COP088. Aula 2 Linguagem Estruturada Prof. Dr. Sylvio Barbon Junior. Laboratório de Programação. Aula 2 Linguagem Estruturada 5COP088 Laboratório de Programação Aula 2 Linguagem Estruturada Prof. Dr. Sylvio Barbon Junior 1 Sumário 1) Exercícios - Laços 2) Ponteiros 3) Funções 4) Procedimentos 5) Recursividade 2 Exercícios sobre

Leia mais

Subprogramas. (ou Sub-rotinas) em C: Procedimentos e Funções. 2015/1 Programação Básica de Computadores (INF 09325)

Subprogramas. (ou Sub-rotinas) em C: Procedimentos e Funções. 2015/1 Programação Básica de Computadores (INF 09325) Subprogramas (ou Sub-rotinas) em C: Procedimentos e Funções 2015/1 Programação Básica de Computadores (INF 09325) Archimedes Detoni www.inf.ufes.br/~archimedesdetoni archimedesdetoni@inf.ufes.br Programa

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÓFONA DE HUMANIDADES E TECNOLOGIAS 1º Semestre 2014/2015

UNIVERSIDADE LUSÓFONA DE HUMANIDADES E TECNOLOGIAS 1º Semestre 2014/2015 UNIVERSIDADE LUSÓFONA DE HUMANIDADES E TECNOLOGIAS 1º Semestre 2014/2015 Programação em C 15/01/2015 Resolução 1. Descreva, em Português, cada uma das seguintes declarações em C: 1.1. char str[512]; Array

Leia mais

PROGRAMAÇÃO DE MICROPROCESSADORES 2009 / 2010

PROGRAMAÇÃO DE MICROPROCESSADORES 2009 / 2010 Departamento de Engenharia Electrotécnica PROGRAMAÇÃO DE MICROPROCESSADORES 2009 / 2010 Mestrado Integrado em Engenharia Electrotécnica e Computadores 1º ano 2º semestre Trabalho nº 6 Strings e Apontadores

Leia mais

Algoritmos e Estruturas de Dados I (DCC/003) Estruturas Condicionais e de Repetição

Algoritmos e Estruturas de Dados I (DCC/003) Estruturas Condicionais e de Repetição Algoritmos e Estruturas de Dados I (DCC/003) Estruturas Condicionais e de Repetição 1 Comando while Deseja-se calcular o valor de: 1 + 2 + 3 +... + N. Observação: não sabemos, a priori, quantos termos

Leia mais

Algoritmos e Introdução à Programação. Lógica e Linguagem de Programação

Algoritmos e Introdução à Programação. Lógica e Linguagem de Programação Algoritmos e Introdução à Programação Lógica e Linguagem de Programação Prof. José Honorato Ferreira Nunes honoratonunes@softwarelivre.org http://softwarelivre.org/zenorato/honoratonunes Linguagem C Prof.

Leia mais

ESTRUTURAS CONDICIONAIS. Baseado nos slides de autoria de Rosely Sanches e Simone Senger de Souza

ESTRUTURAS CONDICIONAIS. Baseado nos slides de autoria de Rosely Sanches e Simone Senger de Souza ESTRUTURAS CONDICIONAIS Baseado nos slides de autoria de Rosely Sanches e Simone Senger de Souza Estruturas de Controle ESTRUTURA SEQUENCIAL ESTRUTURA CONDICIONAL ESTRUTURA DE REPETIÇÃO 2 Estruturas Condicionais

Leia mais

Programação: Vetores

Programação: Vetores Programação de Computadores I Aula 09 Programação: Vetores José Romildo Malaquias Departamento de Computação Universidade Federal de Ouro Preto 2011-1 1/62 Motivação Problema Faça um programa que leia

Leia mais

Introdução a Linguagem C (Parte I) UFPA Sistemas de Informação. Roberto Araujo 2013

Introdução a Linguagem C (Parte I) UFPA Sistemas de Informação. Roberto Araujo 2013 Introdução a Linguagem C (Parte I) UFPA Sistemas de Informação Roberto Araujo 2013 Meu primeiro programa em C #include main() { printf( Primeiro Programa \n ); Biblioteca padrão Função principal

Leia mais

Programação de Computadores I Conhecendo a Linguagem C. Prof. Ramon Figueiredo Pessoa

Programação de Computadores I Conhecendo a Linguagem C. Prof. Ramon Figueiredo Pessoa Programação de Computadores I Conhecendo a Linguagem C Prof. Ramon Figueiredo Pessoa 1 Variáveis e tipos Variáveis são simplesmente posições de memória que o compilador aloca ao programa Mas quantas posições

Leia mais

Introdução a Linguagem C

Introdução a Linguagem C Introdução a Linguagem C Rafael Silva Guimarães Instituto Federal do Espírito Santo rafaelg@ifes.edu.br http://rafaelguimaraes.net 22 de Dezembro de 2014 Rafael Silva Guimarães Introdução a Linguagem C

Leia mais

BLOCO 1 Algoritmia - PL2

BLOCO 1 Algoritmia - PL2 ASSUNTO - Algoritmia OBJETIVOS GERAIS: Analisar e conceber algoritmos para resolução computacional de problemas OBJETIVOS ESPECÍFICOS DA 1ª SEMANA: Compreender e utilizar o conceito algoritmo e variável

Leia mais

Linguagens de Programação I

Linguagens de Programação I Linguagens de Programação I Tema # 6 Geração de Números Aleatórios Introdução a Funções Susana M. Iglesias 1 NUMEROS ALEATÓRIOS Uma aplicação divertida e popular da programação é sua utilização, em criar

Leia mais

INF 1620 P3-29/06/04 Questão 1 Nome:

INF 1620 P3-29/06/04 Questão 1 Nome: INF 1620 P3-29/06/04 Questão 1 Considere um arquivo texto que descreve um conjunto de retângulos e círculos. Cada linha do arquivo contém a descrição de uma figura. O primeiro caractere da linha indica

Leia mais

Subprogramas. Prof. Carlos Lopes

Subprogramas. Prof. Carlos Lopes Subprogramas Prof. Carlos Lopes Motivação Escreva um programa C capaz de calcular a combinação de n valores tomados p a p. Para realizar este cálculo, você deverá utilizar a seguinte fórmula: C n n! p

Leia mais

#include <stdio.h> void Swap (int *a,int *b) { int temp; temp=*a; *a=*b; *b=temp; } main () {

#include <stdio.h> void Swap (int *a,int *b) { int temp; temp=*a; *a=*b; *b=temp; } main () { 422 #include void Swap (int *a,int *b) int temp; temp=*a; *a=*b; *b=temp; main () int num1,num2; printf("\nentre com o primeiro valor: "); scanf ("%d",&num1); printf("\nentre com o segundo valor:

Leia mais

Lista de Exercícios II. 01. Desenvolva um programa em C que receba um valor numérico real, verifique e mostre se esse número é positivo.

Lista de Exercícios II. 01. Desenvolva um programa em C que receba um valor numérico real, verifique e mostre se esse número é positivo. Lista de Exercícios II 01. Desenvolva um programa em C que receba um valor numérico real, verifique e mostre se esse número é positivo. #include int main(int argc, char *argv[]) { /*declaração

Leia mais

Curso Profissional de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos. Programação e Sistemas de Informação. Módulo 1. 3ª Parte Prof. Sandra Pais Soares

Curso Profissional de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos. Programação e Sistemas de Informação. Módulo 1. 3ª Parte Prof. Sandra Pais Soares Curso Profissional de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos Programação e Sistemas de Informação Módulo 1 3ª Parte Prof. Sandra Pais Soares Fundamentos de Programação 1. Palavras Reservadas 2.

Leia mais

Universidade Federal de Uberlândia Faculdade de Computação. Linguagem C: funções

Universidade Federal de Uberlândia Faculdade de Computação. Linguagem C: funções Universidade Federal de Uberlândia Faculdade de Computação Linguagem C: funções Prof. Renato Pimentel 1 Linguagem C: funções Definição: blocos de código que podem ser chamados de dentro de um programa.

Leia mais

Algoritmos e Programação

Algoritmos e Programação Universidade Federal do Pampa Campus-Bagé Algoritmos e Programação Aula 2 - Elementos fundamentais de Algoritmos, Conceitos de Varíaveis Prof. Julio Saraçol juliodomingues@unipampa.edu.br Slide1 Aula de

Leia mais

Introdução à Programação 2006/07. Algoritmos

Introdução à Programação 2006/07. Algoritmos Introdução à Programação 2006/07 Algoritmos Objectivos da Aula Algoritmos e suas características Técnicas de Descrição de Algoritmos Linguagem Natural Pseudocódigo Fluxogramas Especificação do problema

Leia mais

Meu nome: Minha Instituição:

Meu nome: Minha Instituição: Meu nome: Minha Instituição: 1. O Teorema Fundamental da Aritmética enuncia que todo número natural maior que 1 ou é primo ou pode ser escrito de forma única, a menos da ordem dos fatores, como produto

Leia mais

Linguagem de Programação

Linguagem de Programação Linguagem de Programação aula 4 Engenharia Elétrica e Engenharia de Automação Introdução à Computação 1.o sem/2013 Profa Suely (e-mail: smaoki@yahoo.com) Programas Programas são seqüências de instruções

Leia mais

Introdução à Programação em C (I)

Introdução à Programação em C (I) Introdução à Programação em C (I) Factorial Definição de função para cálculo de factorial Scheme (define (factorial n) (if (= n 1) 1 (* n (factorial (- n 1))))) C int factorial (int n) { if (n == 1) return

Leia mais

Resolução de Algoritmos

Resolução de Algoritmos Resolução de Algoritmos Disciplina: Algoritmos e Programação Luciano Moraes Da Luz Brum Universidade Federal do Pampa Unipampa Campus Bagé Email: lucianobrum18@gmail.com Tópicos Resolução dos exercícios

Leia mais

Linguagens de Programação Aula 13

Linguagens de Programação Aula 13 Linguagens de Programação Aula 13 Celso Olivete Júnior olivete@fct.unesp.br Na aula passada Suporte para a programação orientada a objetos 2 Na aula de hoje Programação Funcional Linguagem Haskell 3 Roteiro

Leia mais