Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997"

Transcrição

1 RESOLUÇÃO Nº 52-CEPE/UNICENTRO, DE 21 DE DEZEMBRO DE Aprova o Curso de Especialização em Recursos Terapêuticos Manuais: Ênfase em Terapia Manual, modalidade modular, da UNICENTRO. O REITOR DA UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE, UNICENTRO: Faço saber que o Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão, CEPE, considerando o inciso III, do art. 44, da Lei n 9.394, de 20 de dezembro de 1996, Lei de Diretrizes e Bases, LDB; considerando a normas estabelecidas pelo Ministério da Educação para funcionamento dos Cursos de Pós-Graduação Lato Sensu em nível de especialização; considerando o Regulamento dos Cursos de Especialização da UNICENTRO, aprovado pela Resolução n 60-CEPE/UNICENTRO, de 16 de dezembro de 2014; aprovou, por meio do Parecer n 164-CEPE, de 14 de dezembro de 2015, contido no Protocolo nº 6.428, de 13 de julho de 2015, e eu sanciono, nos termos do art. 9º, inciso X, do Regimento da UNICENTRO, a seguinte Resolução: Art. 1º Fica aprovado o Curso de Especialização em Recursos Terapêuticos Manuais: Ênfase em Terapia Manual, modalidade modular, da Universidade Estadual do Centro- Oeste, UNICENTRO, conforme o contido nesta Resolução. 1º A carga horária do curso a que se refere o caput deste artigo é de 368 horas. 2º O credenciamento desse curso tem validade para quatro ofertas. Art. 2º A matriz curricular e o ementário constam anexos a esta Resolução. Art. 3º O objetivo desse curso é oportunizar a formação de profissionais para atuarem de acordo com a realidade e a necessidade emergente do mercado profissional. Toda a metodologia fundamenta-se na integração entre a teoria, a prática e o desenvolvimento das atitudes necessárias para a formação de um profissional ético e competente. Art. 4º Esta Resolução entra em vigor nesta data. Certifico que este Documento foi publicado em local de costume nesta Reitoria no dia / / Secretaria de Gabinete. 1 Campus CEDETEG: Rua Simeão Camargo Varela de Sá, 03 Fone/FAX: (42) CEP

2 ANEXO I, DA RESOLUÇÃO Nº 52-CEPE/UNICENTRO, DE 21 DE DEZEMBRO DE CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM RECURSOS TERAPÊUTICOS MANUAIS: ÊNFASE EM TERAPIA MANUAL, MODALIDADE MODULAR, DA UNICENTRO MATRIZ CURRICULAR DISCIPLINAS 1. Introdução à Terapia Manual e Anatomia Palpatória Terapia Manual na Coluna Lombar, Torácica e Costelas Terapia Manual na Coluna Cervical Terapia Craniana e Bases de Memória Tecidual Terapia Manual na Cintura Pélvica Posturologia Clínica Regularização do Sistema Nervoso Autônomo e Técnicas Viscerais Bandagens Funcionais Terapia Manual nos Membros Superiores e Inferiores Hérnia de Disco Cervical e Lombar Terapia Manual nas Disfunções Temporomandibulares Metodologia de Pesquisa Estabilização Segmentar Reeducação Postural Global Disfunções de Joelho e Tornozelo 16 C/H Carga Horária Total do Curso Campus CEDETEG: Rua Simeão Camargo Varela de Sá, 03 Fone/FAX: (42) CEP

3 ANEXO II, DA RESOLUÇÃO Nº 52-CEPE/UNICENTRO, DE 21 DE DEZEMBRO DE CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM RECURSOS TERAPÊUTICOS MANUAIS: ÊNFASE EM TERAPIA MANUAL, MODALIDADE MODULAR, DA UNICENTRO EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS 1. Introdução à Terapia Manual e Anatomia Palpatória Histórico da terapia manual. Princípios de utilização da terapia manual. Os diferentes tipos de técnicas e seus objetivos. Efeitos fisiológicos das técnicas nos diferentes sistemas corporais (músculo-esqueletico, neural, vascular, visceral, hormonal, metabólico e emocional). Indicações, precauções, contraindicações e reatividade. Anatomia palpatória de cabeça e pescoço. Anatomia palpatória de tronco e abdome. Anatomia palpatória da coluna vertebral. Anatomia palpatória de membros superiores e inferiores. 2. Terapia Manual na Coluna Lombar, Torácica e Costelas Anatomia Lombar e Toráco Lombar. Biomecânica: Leis de Fryette e Disfunções e suas Repercussões. Anatomia Palpatória. Testes Diagnósticos. Tratamento: Articular, Muscular e Thrust. Disfunções Biomecânicas: 1ª Costela, 2ª a 5ª Costela, 6ª a 10º Costela e 11ª a 12ª Costela. Biomecânica da coluna torácica: Movimentos, Leis de Fryette e Disfunções Biomecânicas. Tratamento de Costelas: Técnicas manipulativas Thrust e Técnicas Respiratórias. Tratamento: Técnicas Articulares, Técnicas Musculares e Técnicas manipulativas Thrust. 3. Terapia Manual na Coluna Cervical Anatomia. Biomecânica: Leis de Fryette, Disfunções e suas Repercussões. Anatomia Palpatória. Testes Diagnósticos. Tratamento: Articular. Muscular e Thrust. Anatomia craniana e cervical. Biomecânica (disfunções e repercussões). 4. Terapia Craniana e Bases de Memória Tecidual Anatomia craniana e serviçal. Biomecânica (disfunções e repercussões). Anatomia Palpátoria. Movimentos Cranianos. Diagnóstico Craniano. Disfunção Sutural. Testes diagnósticos. Repercussões. Tratamento sutural, músculo; articular e Thrust. Anatomia, biomecânica e fisiologia do sistema craniossacral. Influência do sistema craniossacral sobre a saúde; movimento respiratório primário; circulação do líquido céfalo-raquidiano; os diafragmas. As disfunções do sistema craniossacral, suas repercussões e apresentação clínica. Tratamento das disfunções craniossacrais. 5. Terapia Manual na Cintura Pélvica Anatomia. Biomecânica da Ilíaca: Disfunções e Suas Repercussões. Biomecânica da SACRO: Eixos e Movimentos, Disfunções e suas recuperações. Anatomia Palpatória. Testes Diagnóstico. Tratamento: Articular. Muscular e Thrust. 6. Posturologia Clínica Esqueleto ósseo, esqueleto fibroso, tecido conjuntivo e Cadeias Musculares. Encurtamentos e contraturas. Alterações Posturais relacionadas aos encurtamentos das cadeias musculares e dor. Escoliose. Vias sensoriais relacionadas a postura. Avaliação e tratamento. 3 Campus CEDETEG: Rua Simeão Camargo Varela de Sá, 03 Fone/FAX: (42) CEP

4 7. Regularização do Sistema Nervoso Autônomo e Técnicas Viscerais Introdução à Neurociência SNA Sistema Nervoso Autônomo, Terapia Manual e Neurobiodinâmica. Testes dos membros Superiores e Inferiores relacionados á adversidade do tecido nervoso. Indicações e Contra-indicações de manobras de mobilização do sistema nervoso. Estudos de Casos Teóricos relacionados á estágios de dor. Tratamento agudo e crônico através da mobilização do sistema nervoso. Generalidades e Anatomia Sistema Visceral - Diafragma e Peritônio. Pressões e Articulação Visceral. Disfunções e Diagnóstico (inspeção, anamnese, DTM, dermatologia reflexa, palpação, percussão teste de mobilidade). Protocolo de Tratamento Manual. 8. Bandagens Funcionais Conceitos da bandagem funcional. Ações e efeitos da bandagem funcional. Aplicações Musculares. Aplicações Ligamentares. Aplicações Faciais. Uso das bandagens funcionais nas disfunções dos membros superiores. Uso das bandagens funcionais nas disfunções dos membros inferiores. Uso das bandagens funcionais nas disfunções da coluna vertebral. Uso das bandagens funcionais em edemas e linfedemas. Tópicos especiais de aplicação da bandagem funcional. Atualizações científicas. 9. Terapia Manual nos Membros Superiores e Inferiores Terapia manual aplicada ao: Pé, Tornozelo, Joelho e Quadril. Alongamentos analíticos dos membros inferiores. Análise de Marcha. Revisão Anatômica e Biomecânica dos membros Superiores. Avaliação e Tratamento do ombro. Avaliação e Tratamento do Cotovelo. Avaliação e Tratamento do punho e da mão. 10. Hérnia de Disco Cervical e Lombar Revisão anatômica, biomecânica e cinesiológica das hérnias de disco. Tipos de hérnias de disco e Mecanismos de lesão discal. Avaliação funcional da coluna vertebral, lombar e torácica. Diagnóstico funcional. Indicações e contra-indicações às manipulações, Tipos de manipulações e Tratamento Manipulativo. Tração mecânica. 11. Terapia Manual nas Disfunções Temporo-Mandibulares A articulação temporomandibular (ATM), classificada como a mais complexa do organismo humano, pode ser acometida pelas mesmas doenças e desordens que afetam outras articulações do sistema músculo-esquelético, como os deslocamentos de disco, doenças articulares degenerativas (osteoartrite), artrites inflamatórias e sinovites. Método avançado e não-invasivo, a RM geralmente é bem tolerada pelo paciente e é de fácil execução. 12. Metodologia de Pesquisa Ciência e Conhecimento Científico. A Pesquisa Científica. As Teorias Científicas e a validação da pesquisa. A Informática na Educação e a Pesquisa. Metodologia Geral da Pesquisa: uma visão geral. Métodos e Técnicas de Pesquisa: definição e classificação. Problema e Problemática aprimoramento das hipóteses. Estudos exploratórios e referencial teórico. O método de pesquisa: definição do método, tipos de métodos, coleta de dados, definição de amostra. Análise dos dados e conclusões. 13. Estabilização Segmentar O tratamento objetiva a recuperação da contração conjunta e antecipada da musculatura do transverso do abdômen, multífido e fáscia tóraco-lombar, que agem como uma cinta interna, como diafragma e os músculos do assoalho pélvico. O tratamento se divide em quatro estágios Campus CEDETEG: Rua Simeão Camargo Varela de Sá, 03 Fone/FAX: (42) CEP

5 respeitando os princípios do aprendizado motor. No primeiro são isoladas e treinadas as musculaturas da unidade interna sem carga. No segundo estágio treina-se a musculatura da unidade interna diminuindo a base de sustentação. 14. Reeducação Postural Global A Reeducação Postural Global (RPG) é um método fisioterapêutico. Método terapêutico manual que se aplica a todas as patologias que requerem fisioterapia: Problemas morfológicos, Problemas posturais, Lesões Articulares, Patologias Reumáticas, Sequelas Neurológicas Espasticas, Problemas Traumáticos, Doenças Respiratórias. 15. Disfunções de Joelho e Tornozelo Terapia manual aplicada ao: Pé, Tornozelo, Joelho e Quadril. Alongamentos analíticos dos membros inferiores. Análise de Marcha. 5 Campus CEDETEG: Rua Simeão Camargo Varela de Sá, 03 Fone/FAX: (42) CEP

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997 RESOLUÇÃO Nº 3-CEPE/UNICENTRO, DE 28 DE JANEIRO DE 2013. REVOGADA PELA RESOLUÇÃO Nº 12/2015-CEPE/UNICENTRO. Aprova o Curso de Especialização em Fisioterapia Traumato-Ortopédica Funcional, modalidade modular,

Leia mais

RESOLUÇÃO. Parágrafo único. O novo currículo é o 0003-LS, cujas ementas e objetivos das disciplinas também constam do anexo.

RESOLUÇÃO. Parágrafo único. O novo currículo é o 0003-LS, cujas ementas e objetivos das disciplinas também constam do anexo. RESOLUÇÃO CONSEPE 26/2016 ALTERA MATRIZ CURRICULAR E APROVA O PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO DE PÓS- GRADUAÇÃO LATO SENSU EM FISIOTERAPIA DESPORTIVA DA UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO USF. O Presidente do Conselho

Leia mais

ANEXO 01 (Conteúdo do EXIN Fisioterapia - Campus Mossoró) 3ª série

ANEXO 01 (Conteúdo do EXIN Fisioterapia - Campus Mossoró) 3ª série - Semiologia Geral ANEXO 01 (Conteúdo do EXIN 2016.1 Fisioterapia - Campus Mossoró) 3ª série - Generalidades sobre diagnóstico e avaliação AVALIAÇÃO DIAGNOSTICA EM II - Avaliação da coluna (postura) -

Leia mais

TERMO ADITIVO DO NÚMERO DE VAGAS REFERENTE AO EDITAL

TERMO ADITIVO DO NÚMERO DE VAGAS REFERENTE AO EDITAL TERMO ADITIVO DO NÚMERO DE VAGAS REFERENTE AO EDITAL 2017.2 Curso Administração e Contábeis Disciplina: Matemática Financeira. Turno: Manhã/Tarde/Noite Vagas: 2 para cada turno Juros simples Juros compostos

Leia mais

FISIOTERAPIA ORTOPÉDICA COM ÊNFASE EM TERAPIA MANUAL

FISIOTERAPIA ORTOPÉDICA COM ÊNFASE EM TERAPIA MANUAL EMENTA FISIOTERAPIA ORTOPÉDICA COM ÊNFASE EM TERAPIA MANUAL DISCIPLINA: Bases Anatômicas e Biomecânicas I ( Membros Superiores) EMENTA: Estudo da anatomobiomecânica das articulações dos membros superiores

Leia mais

AVALIAÇÃO DA COLUNA VERTEBRAL

AVALIAÇÃO DA COLUNA VERTEBRAL AVALIAÇÃO DA COLUNA VERTEBRAL COLUNA CERVICAL FUNÇÕES: Suporte e estabilidade à cabeça Dar mobilidade à cabeça Abrigar, conduzir e proteger a medula espinhal e a artéria vertebral INSPEÇÃO Postura Global

Leia mais

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997 RESOLUÇÃO Nº 79-CEPE/UNICENTRO, DE 8 DE DEZEMBRO DE 2011. Aprova o Curso de Especialização em Planejamento e Organização de Eventos, modalidades modular e regular, a ser ministrado no Campus Santa Cruz,

Leia mais

XII ENCONTRO DE EXTENSÃO, DOCÊNCIA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA (EEDIC)

XII ENCONTRO DE EXTENSÃO, DOCÊNCIA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA (EEDIC) XII ENCONTRO DE EXTENSÃO, DOCÊNCIA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA (EEDIC) ESTABILIZAÇÃO SEGMENTAR NO TRATAMENTO DE PACIENTES PORTADORES DE HÉRNIA DE DISCO: UMA REVISÃO INTEGRATIVA RESUMO Ayrlene Maria Carlos de

Leia mais

VERTEBRAL (OUT 2016) - PORTO

VERTEBRAL (OUT 2016) - PORTO MANIPULAçãO VERTEBRAL (OUT 2016) - PORTO A manipulação vertebral é um recurso da terapia manual bastante popular entre os profissionais de saúde, um dos mais procurados e que maior impacto causa junto

Leia mais

Grade Curricular do Curso Profissionalizante de Massagem Terapêutica

Grade Curricular do Curso Profissionalizante de Massagem Terapêutica Grade Curricular do Curso Profissionalizante de Massagem Terapêutica Espondiloterapia: Técnica de avaliação, interpretação e orientação para os problemas de coluna vertebral e, ou, seus comprometimentos,

Leia mais

TERAPIA MANUAL SEGUNDO O CONCEITO OSTEOETIOPÁTICO (CERTIFICAÇÃO ATMS) - PORTO - MÓDULO 5 (MEMBRO SUPERIOR)

TERAPIA MANUAL SEGUNDO O CONCEITO OSTEOETIOPÁTICO (CERTIFICAÇÃO ATMS) - PORTO - MÓDULO 5 (MEMBRO SUPERIOR) TERAPIA MANUAL SEGUNDO O CONCEITO OSTEOETIOPÁTICO (CERTIFICAÇÃO ATMS) - PORTO - MÓDULO 5 (MEMBRO SUPERIOR) Terapia Manual segundo o Conceito Osteoeti alguns dos maiores nomes da fisioterapia em Manual.

Leia mais

#Fisioterapeuta, #Osteopata com Cedula, #Estudante Finalista. Inscrição Antecipada ( ) Inscrição Normal ( ) 439.

#Fisioterapeuta, #Osteopata com Cedula, #Estudante Finalista. Inscrição Antecipada ( ) Inscrição Normal ( ) 439. QUIROPRAXIA - TRATAMENTO DA COLUNA VERTEBRAL (NOV 2017) - PORTO A Quiropraxia é uma técnica de terapia manual, eficaz, segura e com reconhecimento científico, baseada na manipulação do corpo humano com

Leia mais

Especialização em Anatomia e Biomecânica do Sistema Locomotor - NOVO

Especialização em Anatomia e Biomecânica do Sistema Locomotor - NOVO Especialização em Anatomia e Biomecânica do Sistema Locomotor - NOVO Apresentação Previsão de Início Julho/2013 Inscrições em Breve - Turma 01 - Campus Stiep O curso de Especialização em Anatomia e Biomecânica

Leia mais

Faculdade da Alta Paulista

Faculdade da Alta Paulista Plano de Ensino Disciplina: Recursos Terapêuticos Manuais e Acupuntura Curso: Fisioterapia Código: Série: 2ª Série Obrigatória (X ) Optativa ( ) CH Teórica: 80 CH Prática: 80 CH Total: 160 I - Objetivos

Leia mais

RESOLUÇÃO. Bragança Paulista, 4 de março de Prof. Milton Mayer Presidente

RESOLUÇÃO. Bragança Paulista, 4 de março de Prof. Milton Mayer Presidente RESOLUÇÃO CONSEAcc-BP 4/2005 ALTERA AS EMENTAS DO CURSO DE FISIOTERAPIA, DA UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO, DO CÂMPUS DE BRAGANÇA PAULISTA O Presidente do Conselho Acadêmico por Câmpus, do câmpus de Bragança

Leia mais

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997 RESOLUÇÃO Nº 89-CEPE/UNICENTRO, DE 28 DE DEZEMBRO DE 2011. Aprova o Curso de Especialização em Letras, modalidade regular, a ser ministrado no Campus Santa Cruz, da UNICENTRO. O REITOR DA UNIVERSIDADE

Leia mais

DANIEL VALPAçOS Daniel Valpaços é Osteopata e Pós-graduado em Osteopatia Pediátrica e Desportiva.

DANIEL VALPAçOS Daniel Valpaços é Osteopata e Pós-graduado em Osteopatia Pediátrica e Desportiva. ANATOMIA PALPATóRIA NO DIAGNóSTICO CLíNICO (MAI 2016) - PORTO De que serve ter um vasto conhecimento de técnicas quando há ainda muitas falhas ao nível do conhecimento base em anatomia? Esta área de formação

Leia mais

CURSO DE FISIOTERAPIA Autorizado plea Portaria nº 377 de 19/03/09 DOU de 20/03/09 Seção 1. Pág. 09 COMPONENTE CURRICULAR: Cinesiologia e Biomecânica

CURSO DE FISIOTERAPIA Autorizado plea Portaria nº 377 de 19/03/09 DOU de 20/03/09 Seção 1. Pág. 09 COMPONENTE CURRICULAR: Cinesiologia e Biomecânica CURSO DE FISIOTERAPIA Autorizado plea Portaria nº 377 de 19/03/09 DOU de 20/03/09 Seção 1. Pág. 09 COMPONENTE CURRICULAR: Cinesiologia e Biomecânica CÓDIGO: Fisio 204 CH TOTAL: 60h PRÉ-REQUISITO: Anatomia

Leia mais

Sumário Detalhado. PARTE I Gerenciamento de riscos 21. PARTE II Patologia da lesão esportiva 177. Capítulo 4 Equipamento de proteção 116

Sumário Detalhado. PARTE I Gerenciamento de riscos 21. PARTE II Patologia da lesão esportiva 177. Capítulo 4 Equipamento de proteção 116 Sumário Detalhado PARTE I Gerenciamento de riscos 21 Capítulo 1 Técnicas de condicionamento 22 A relação entre os fisioterapeutas esportivos e os preparadores físicos 23 Princípios do condicionamento 23

Leia mais

RPG. Reeducação Postural Global

RPG. Reeducação Postural Global RPG Reeducação Postural Global Criador do Método Philippe Emanuel Souchard Físico/Fisioterapeuta Criado em 1980 O que é a RPG? Micro e macro-ajustamento do sistema músculo-esquelético em decoaptação,detorção,

Leia mais

DANIEL VALPAçOS Daniel Valpaços é Osteopata e Pós-graduado em Osteopatia Pediátrica e Desportiva. Prazo Tardio - entre e

DANIEL VALPAçOS Daniel Valpaços é Osteopata e Pós-graduado em Osteopatia Pediátrica e Desportiva. Prazo Tardio - entre e ANATOMIA PALPATóRIA (JUL 2017) - LISBOA De que serve ter um vasto conhecimento de técnicas quando há ainda muitas falhas ao nível do conhecimento base em anatomia? Esta área de formação é por vezes descurada

Leia mais

MODELO FORMATIVO. DATA DE INíCIO / FIM / HORARIO Manhã - 8:40 às 13:30 Tarde - 14:30 às 19:00

MODELO FORMATIVO. DATA DE INíCIO / FIM / HORARIO Manhã - 8:40 às 13:30 Tarde - 14:30 às 19:00 QUIROPRAXIA - TRATAMENTO DA COLUNA VERTEBRAL (NOV 2016) - LISBOA A Quiropraxia é uma técnica de terapia manual, eficaz, segura e com reconhecimento científico, baseada na manipulação do corpo humano com

Leia mais

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997 RESOLUÇÃO Nº 54-CEPE/UNICENTRO, DE 1º DE SETEMBRO DE 2011. Aprova o Regulamento de Trabalho de Campo da UNICENTRO e dá outras providências. O REITOR DA UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE, UNICENTRO:

Leia mais

Cursos de Extensão. Técnicas Miofasciais (Tratamento da Disfunção dos Tecidos Moles)

Cursos de Extensão. Técnicas Miofasciais (Tratamento da Disfunção dos Tecidos Moles) Cursos de Extensão Técnicas Miofasciais (Tratamento da Disfunção dos Tecidos Moles) Duração do Curso: - 2 dias, horário integral, perfazendo a carga horária de 20 horas de teoria e prática, sendo 80% prático;

Leia mais

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997 RESOLUÇÃO Nº 2-CEPE/UNICENTRO, DE 30 DE JANEIRO DE 2014. Aprova o Curso de Especialização em MBA em Gestão de Negócios, modalidade regular, a ser ministrado no Campus Avançado da UNICENTRO, no Município

Leia mais

ESPECIALIZAÇÃO EM OSTEOPATIA

ESPECIALIZAÇÃO EM OSTEOPATIA ESPECIALIZAÇÃO EM OSTEOPATIA Nova estrutura (maior conteúdo) 438 horas c/ certificação internacional Oferta de Pen USB com informação complementar multimédia e 1 livro DATAS, LOCAIS E DESTINATÁRIOS DATAS

Leia mais

CURSO DE FISIOTERAPIA Autorizado plea Portaria nº 377 de 19/03/09 DOU de 20/03/09 Seção 1. Pág. 09

CURSO DE FISIOTERAPIA Autorizado plea Portaria nº 377 de 19/03/09 DOU de 20/03/09 Seção 1. Pág. 09 CURSO DE FISIOTERAPIA Autorizado plea Portaria nº 377 de 19/03/09 DOU de 20/03/09 Seção 1. Pág. 09 Componente Curricular: Anatomia II Código: Fisio-105 Pré-requisito: Anatomia I Período Letivo: 2016.1

Leia mais

CURSO DE FISIOTERAPIA Autorizado plea Portaria nº 377 de 19/03/09 DOU de 20/03/09 Seção 1. Pág. 09 Componente Curricular: Anatomia II PLANO DE CURSO

CURSO DE FISIOTERAPIA Autorizado plea Portaria nº 377 de 19/03/09 DOU de 20/03/09 Seção 1. Pág. 09 Componente Curricular: Anatomia II PLANO DE CURSO CURSO DE FISIOTERAPIA Autorizado plea Portaria nº 377 de 19/03/09 DOU de 20/03/09 Seção 1. Pág. 09 Componente Curricular: Anatomia II Código: Fisio 105 CH Total: 60h Pré-requisito: Anatomia I Período Letivo:

Leia mais

Dor Lombar. Controle Motor Coluna Lombar. O que é estabilidade segmentar? Sistema Global: Sistema Local:

Dor Lombar. Controle Motor Coluna Lombar. O que é estabilidade segmentar? Sistema Global: Sistema Local: Dor Lombar Causa de ausência no trabalho Alto custo econômico para serviços de saúde Quanto maior o afastamento, menor é a probabilidade de retorno ao serviço Controle Motor Coluna Lombar Curso de Especialização

Leia mais

COLUNA LOMBAR 24/03/15 ANATOMIA VERTEBRAL

COLUNA LOMBAR 24/03/15 ANATOMIA VERTEBRAL ANATOMIA VERTEBRAL - Corpo: maior e mais largo (distribuição de cargas) - Apófise Espinhosa: mais espessa, retangular e horizontal - Facetas articulares: mais perpendiculares e posteriores FNC 1 ORIENTAÇÃO

Leia mais

Exame Físico Ortopédico

Exame Físico Ortopédico TAKE HOME MESSAGES! Exame Físico Ortopédico ANAMNESE REALIZAR UMA HISTÓRIA CLÍNICA DETALHADA, LEMBRANDO QUE DETALHES DA IDENTIFICAÇÃO COMO SEXO, IDADE E PROFISSÃO SÃO FUNDAMENTAIS, POIS MUITAS DOENÇAS

Leia mais

Dicas de prevenção para Hérnia de Disco

Dicas de prevenção para Hérnia de Disco Dicas de prevenção para Hérnia de Disco Apresentação Olá, esse conteúdo é a realização de uma parceria entre a Cefig e a Fisioterapia Integrativa. Nesse E-book vamos abordar algumas dicas para prevenção

Leia mais

MASTER EM OSTEOPATIA. 420 horas com Certificação Internacional. Oferta de DVD's temáticos e 1 livro. DATAS, LOCAIS E DESTINATÁRIOS

MASTER EM OSTEOPATIA. 420 horas com Certificação Internacional. Oferta de DVD's temáticos e 1 livro. DATAS, LOCAIS E DESTINATÁRIOS MASTER EM OSTEOPATIA 420 horas com Certificação Internacional. Oferta de DVD's temáticos e 1 livro. DATAS, LOCAIS E DESTINATÁRIOS DATAS Osteopatia Estrutural 13 seminários de 2 dias cada (26 dias) Seminário

Leia mais

EXIN FISIOTERAPIA

EXIN FISIOTERAPIA EXIN FISIOTERAPIA 2016.2 SÉRIE 4MA e 4MB Assuntos Avaliação do Tônus e Força Muscular. Avaliação da Marcha. Noções de Avaliação em Fisioterapia Neurológica. ADF 3 Avaliação da Coordenação e Equilíbrio.

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA. PROGRAMA DE DISCIPLINA/ ESTÁGIO Ano: 2008 IDENTIFICAÇÃO CÓDIGO DISCIPLINA OU ESTÁGIO SERIAÇÃO IDEAL

UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA. PROGRAMA DE DISCIPLINA/ ESTÁGIO Ano: 2008 IDENTIFICAÇÃO CÓDIGO DISCIPLINA OU ESTÁGIO SERIAÇÃO IDEAL unesp UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA CAMPUS DE MARÍLIA Faculdade de Filosofia e Ciências PROGRAMA DE DISCIPLINA/ ESTÁGIO Ano: 2008 UNIDADE UNIVERSITÁRIA: Faculdade de Filosofia e Ciências CURSO: Fisioterapia

Leia mais

TMSA TERAPIA MANUAL SUB-AQUÁTICA Isidro Marques

TMSA TERAPIA MANUAL SUB-AQUÁTICA Isidro Marques TMSA TERAPIA MANUAL SUB-AQUÁTICA Isidro Marques INDRODUÇÃO A TMSA Terapia Manual Sub-Aquática, vem resgatar para a Hidroterapia, o instrumento mais importante do Fisioterapeuta, a Manualidade, ao mesmo

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO DE GRADUAÇÃO DE FISIOTERAPIA INTRODUÇÃO E PRÁTICA FISIOTERAPÊUTICA I 34 Abordagem histórica, generalista, ética e científica sobre aspectos fundamentais da profissão de fisioterapia

Leia mais

Coluna lombar. Características gerais: 5 vértebras 1 curvatura lordose fisiológica

Coluna lombar. Características gerais: 5 vértebras 1 curvatura lordose fisiológica COLUNA LOMBAR Coluna lombar Características gerais: 5 vértebras 1 curvatura lordose fisiológica 2 tipos de Articulações: Intervertebral cartilaginosa Proc. Articulares - sinovial Coluna lombar Coluna lombar

Leia mais

Ementas das Disciplinas de Fisioterapia

Ementas das Disciplinas de Fisioterapia s das Disciplinas de Fisioterapia s das Disciplinas (Semestre/Ano/Período/Termo/Módulo) Carga horária ATIVIDADES COMPLEMENTARES 204 INTRODUÇÃO E PRÁTICA FISIOTERAPÊUTICA I (405576) 34 Abordagem histórica,

Leia mais

FORMAÇÃO. Diagnóstico Avançado em Terapia Manual. Raciocínio clínico, testes específicos, diagnóstico diferencial e terapia manual

FORMAÇÃO. Diagnóstico Avançado em Terapia Manual. Raciocínio clínico, testes específicos, diagnóstico diferencial e terapia manual FORMAÇÃO Diagnóstico Avançado em Terapia Manual Raciocínio clínico, testes específicos, diagnóstico diferencial e terapia manual INTRODUÇÃO Todo o tratamento deve realizar-se com base em objetivos concretos

Leia mais

TERAPIA MANUAL SEGUNDO O CONCEITO OSTEOETIOPáTICO (CERTIFICAÇÃO ATMS) - MóDULO 10 - LISBOA

TERAPIA MANUAL SEGUNDO O CONCEITO OSTEOETIOPáTICO (CERTIFICAÇÃO ATMS) - MóDULO 10 - LISBOA TERAPIA MANUAL SEGUNDO O CONCEITO OSTEOETIOPáTICO (CERTIFICAÇÃO ATMS) - MóDULO 10 - LISBOA Terapia Manual segundo o Conceito Osteoetiopático é uma formação única, reconhec alguns dos maiores nomes da fisioterapia

Leia mais

Modalidades fisioterapêuticas. Profa. Dra. Daniela Cristina Carvalho de Abreu Alunas PAE: Jaqueline Mello Porto Paola Errera Magnani

Modalidades fisioterapêuticas. Profa. Dra. Daniela Cristina Carvalho de Abreu Alunas PAE: Jaqueline Mello Porto Paola Errera Magnani Modalidades fisioterapêuticas Profa. Dra. Daniela Cristina Carvalho de Abreu Alunas PAE: Jaqueline Mello Porto Paola Errera Magnani - Analgesia - Diminuir rigidez matinal Fisioterapia OBJETIVOS - Aumentar

Leia mais

TERAPIA MANUAL ANALÍTICA E OSTEOETIOPATIA

TERAPIA MANUAL ANALÍTICA E OSTEOETIOPATIA TERAPIA MANUAL ANALÍTICA E OSTEOETIOPATIA Intervir na real causa da disfunção e não apenas no sintoma. Globalidade. Osteopatia. Quiropraxia. Pontos Gatilho. Cadeias Musculares. Posturologia. Cinesiologia.

Leia mais

Universidade Federal do Pampa Campus Itaqui Curso de Nutrição Anatomia Humana. Sistema esquelético. Profa. Dra. Silvana Boeira

Universidade Federal do Pampa Campus Itaqui Curso de Nutrição Anatomia Humana. Sistema esquelético. Profa. Dra. Silvana Boeira Universidade Federal do Pampa Campus Itaqui Curso de Nutrição Anatomia Humana Sistema esquelético Profa. Dra. Silvana Boeira É composto por ossos e (articulações). É constituído por um total de 206 ossos.

Leia mais

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997 RESOLUÇÃO Nº 16-GR/UNICENTRO, DE 16 DE FEVEREIRO DE 2017. ESTA RESOLUÇÃO ESTÁ RATIFICADA PELO PARECER Nº 21/2017-CEPE/UNICENTRO. Aprova, ad referendum do CEPE, o Curso de Especialização em MBA em Gestão

Leia mais

Fisioterapeuta Priscila Souza

Fisioterapeuta Priscila Souza Fisioterapeuta Priscila Souza * Passou de 7 bilhões o número de celulares no mundo. (União Internacional de Telecomunicações UIT, 2015) *Segundo a ONU em 2000 o número de aparelhos celulares era de 738

Leia mais

AVALIAÇÃO POSTURAL O QUE É UMA AVALIAÇÃO POSTURAL? 16/09/2014

AVALIAÇÃO POSTURAL O QUE É UMA AVALIAÇÃO POSTURAL? 16/09/2014 AVALIAÇÃO POSTURAL O QUE É UMA AVALIAÇÃO POSTURAL? A AVALIAÇÃO POSTURAL CONSISTE EM DETERMINAR E REGISTRAR SE POSSÍVEL ATRAVÉS DE FOTOS, OS DESVIOS OU ATITUDES POSTURAIS DOS INDIVÍDUOS, ONDE O MESMO É

Leia mais

MODELO FORMATIVO Curso. Manhã - 09h00 às 13h00 Tarde - 14h00 às 18h00 INVESTIMENTO. COMO CHEGAR De autocarro: 205 paragem Monte dos Burgos FORMADOR

MODELO FORMATIVO Curso. Manhã - 09h00 às 13h00 Tarde - 14h00 às 18h00 INVESTIMENTO. COMO CHEGAR De autocarro: 205 paragem Monte dos Burgos FORMADOR TERAPIA MANUAL DESPORTIVA (MAI 2016) - PORTO "Terapia Manual Desportiva" é uma formação marcada por uma focalização profunda no processo de raciocínio clínico e que pretende dotar o fisioterapeuta de ferramentas

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 008/2007-CEPE/UNICENTRO

RESOLUÇÃO Nº 008/2007-CEPE/UNICENTRO RESOLUÇÃO Nº 008/2007-CEPE/UNICENTRO Aprova o Regulamento do Laboratório de Avaliação em Psicologia do Departamento de Psicologia da UNICENTRO. O REITOR DA UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE, UNICENTRO:

Leia mais

TERAPIA MANUAL SEGUNDO O CONCEITO OSTEOETIOPÁTICO (CERTIFICAÇÃO ATMS) - LISBOA (NOVA TURMA 2017) - CURSO COMPLETO

TERAPIA MANUAL SEGUNDO O CONCEITO OSTEOETIOPÁTICO (CERTIFICAÇÃO ATMS) - LISBOA (NOVA TURMA 2017) - CURSO COMPLETO TERAPIA MANUAL SEGUNDO O CONCEITO OSTEOETIOPÁTICO (CERTIFICAÇÃO ATMS) - LISBOA (NOVA TURMA 2017) - CURSO COMPLETO Terapia Manual segundo o Conc alguns dos maiores nomes da f Manual. Esta é a oportunidade

Leia mais

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997 RESOLUÇÃO Nº 90-CEPE/UNICENTRO, DE 24 DE NOVEMBRO DE 2009. ESTA RESOLUÇÃO ESTÁ REVOGADA PELA RESOLUÇÃO Nº 71/2011- CEPE/UNICENTRO. Aprova o Curso de Especialização em Controladoria e Finanças, modalidade

Leia mais

UNINOVE Nome da Disciplina Ano Turma

UNINOVE Nome da Disciplina Ano Turma UNINOVE Nome da Disciplina Ano Turma Medicina Bases Morfológicas da Medicina I 2013-2 2 Semestre Docentes Alex, Andrea, Karine, Renato, Richard e Suely Dias 2º, 3º Manhã 4º, 6º Tarde Data Horário Assunto

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO DE GRADUAÇÃO DE FISIOTERAPIA INTRODUÇÃO E PRÁTICA FISIOTERAPÊUTICA I Abordagem histórica, generalista, ética e científica sobre aspectos fundamentais da profissão de fisioterapia

Leia mais

Anatomia da Medula Vertebral

Anatomia da Medula Vertebral Anatomia da Medula Vertebral Anatomia da Vértebra Disco Intervertebral Anatomia da Coluna Vertebral Características Gerais: Corpo Vertebral Foramens Vertebrais: Forame Medular: Medula Vertebral Forames

Leia mais

MOBILIZAÇÃO E MANIPULAÇÃO

MOBILIZAÇÃO E MANIPULAÇÃO CURSO: TÉCNICAS AVANÇADAS DE MOBILIZAÇÃO E PROGRAMA CURRICULAR do curso de TÉCNICAS AVANÇADAS DE MOBILIZAÇÃO E 2015/2016 DOCENTES: vários IDENTIFICAÇÃO DO CURSO Técnicas Avançadas de Mobilização e Manipulação

Leia mais

ALUNAS: MARIA VITÓRIA SILVA GOMES JULIANA FERREIRA WHIRILENE CASSIANO GINOELY SHIRLEY G. GÁRCIA

ALUNAS: MARIA VITÓRIA SILVA GOMES JULIANA FERREIRA WHIRILENE CASSIANO GINOELY SHIRLEY G. GÁRCIA ALUNAS: MARIA VITÓRIA SILVA GOMES JULIANA FERREIRA WHIRILENE CASSIANO GINOELY SHIRLEY G. GÁRCIA O sistema musculoesquelético é composto pelos ossos, músculos e articulações. Tecido ósseo Os ossos compõem

Leia mais

CURSO DE PILATES APLICADO ÀS LESÕES OSTEOMUSCULARES

CURSO DE PILATES APLICADO ÀS LESÕES OSTEOMUSCULARES CURSO DE PILATES APLICADO ÀS LESÕES OSTEOMUSCULARES INTRODUÇÃO Um número cada vez maior de pessoas apresenta, em seu cotidiano, atividades repetitivas e restritivas, que conduzem a uma perda do sinergismo

Leia mais

Bem estar e produtividade no trabalho

Bem estar e produtividade no trabalho Bem estar e produtividade no trabalho Camila Greco Müller dos Santos Fisioterapeuta Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro Especialista em osteopatia, terapia manual e biomecânica clínica O bem-estar

Leia mais

Anatomia Geral. http://d-nb.info/1058614592. 1 Filogênese e Ontogênese Humanas. 5 Músculos. 6 Vasos. 2 Visão Geral do Corpo Humano

Anatomia Geral. http://d-nb.info/1058614592. 1 Filogênese e Ontogênese Humanas. 5 Músculos. 6 Vasos. 2 Visão Geral do Corpo Humano Anatomia Geral 1 Filogênese e Ontogênese Humanas 1.1 Filogênese Humana 2 1.2 Ontogênese Humana: Visão Geral, Fecundação e Estágios Iniciais do Desenvolvimento 4 1.3 Gastrulação, Neurulação e Formação dos

Leia mais

s.com.br Prof. Ms. José Góes Página 1

s.com.br Prof. Ms. José Góes Página 1 1 O Ombro é uma articulação de bastante importância para todos nós, visto que para fazermos até as atividades mais simples, como escovar os dentes e dirigir, precisamos dele. Devido a esta característica,

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA. PROGRAMA DE DISCIPLINA/ ESTÁGIO Ano: 2008 IDENTIFICAÇÃO CÓDIGO DISCIPLINA OU ESTÁGIO SERIAÇÃO IDEAL

UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA. PROGRAMA DE DISCIPLINA/ ESTÁGIO Ano: 2008 IDENTIFICAÇÃO CÓDIGO DISCIPLINA OU ESTÁGIO SERIAÇÃO IDEAL unesp UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA CAMPUS DE MARÍLIA Faculdade de Filosofia e Ciências PROGRAMA DE DISCIPLINA/ ESTÁGIO Ano: 2008 UNIDADE UNIVERSITÁRIA: Faculdade de Filosofia e Ciências CURSO: Fisioterapia

Leia mais

TRATAMENTO (DEZ 2017) - LISBOA

TRATAMENTO (DEZ 2017) - LISBOA FISIOTERAPIA NO OMBRO: AVALIAçãO E TRATAMENTO (DEZ 2017) - LISBOA Um dos complexos articulares com maior incidência de patologia músculo-esquelética é sem dúvida o ombro. Neste curso bastante prático abordará

Leia mais

Estrutura da Coluna Vertebral

Estrutura da Coluna Vertebral Fundamentos da Biomecânica CINESIOLOGIA E BIOMECÂNICA DA COLUNA VERTEBRAL Estrutura da Coluna Vertebral 33 Vértebras 7 cervicais 12 torácicas 5 lombares 5 sacrais (fundidas) 4-5 coccígeas (fundidas) 1

Leia mais

Parecer n. 05-3/2015. Processo de consulta: Ofício nº 60/2015/GAPRE COFFITO Assunto: Reeducação Postural Global - RPG

Parecer n. 05-3/2015. Processo de consulta: Ofício nº 60/2015/GAPRE COFFITO Assunto: Reeducação Postural Global - RPG Parecer n. 05-3/2015. Processo de consulta: Ofício nº 60/2015/GAPRE COFFITO Assunto: Reeducação Postural Global - RPG Da Consulta Trate-se do questionamento abaixo, acerca do RPG: - Conceituar Método/Técnica

Leia mais

Formação treinadores AFA

Formação treinadores AFA Preparação específica para a atividade (física e mental) Equilíbrio entre treino e repouso Uso de equipamento adequado à modalidade (ex: equipamento, calçado, proteções) E LONGEVIDADE DO ATLETA Respeito

Leia mais

TERMOS DE MOVIMENTO TERMOS DE MOVIMENTO POSIÇÃO ANATÔMICA POSIÇÃO ANATÔMICA TERMOS DE MOVIMENTO. Curso de. Marcelo Marques Soares Prof.

TERMOS DE MOVIMENTO TERMOS DE MOVIMENTO POSIÇÃO ANATÔMICA POSIÇÃO ANATÔMICA TERMOS DE MOVIMENTO. Curso de. Marcelo Marques Soares Prof. 2ª edição Marcelo Marques Soares Prof. Didi Jonas Wecker Douglas Lenz POSIÇÃO ANATÔMICA Linha Sagital Mediana POSIÇÃO ANATÔMICA 1 2 REGIÃO INFERIOR Reto Anterior Piramidal Oblíquo Externo Oblíquo Interno

Leia mais

TERAPIA MANUAL SEGUNDO O CONCEITO OSTEOETIOPáTICO (CERTIFICAÇÃO ATMS) - MóDULO 2 - LISBOA

TERAPIA MANUAL SEGUNDO O CONCEITO OSTEOETIOPáTICO (CERTIFICAÇÃO ATMS) - MóDULO 2 - LISBOA TERAPIA MANUAL SEGUNDO O CONCEITO OSTEOETIOPáTICO (CERTIFICAÇÃO ATMS) - MóDULO 2 - LISBOA Terapia Manual segundo o Conceito Osteoetiopático é uma formação única, reconhec alguns dos maiores nomes da fisioterapia

Leia mais

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997 RESOLUÇÃO Nº 22-CEPE/UNICENTRO, DE 2 DE SETEMBRO DE 2014. Aprova o Curso de Especialização em Gestão Estratégica de Pessoas, modalidade regular, a ser ministrado no Campus de Irati, da UNICENTRO. O VICE-REITOR,

Leia mais

DESVIOS POSTURAIS. 1. LORDOSE CERVICAL = Acentuação da concavidade da coluna cervical. - Hipertrofia da musculatura posterior do pescoço

DESVIOS POSTURAIS. 1. LORDOSE CERVICAL = Acentuação da concavidade da coluna cervical. - Hipertrofia da musculatura posterior do pescoço DESVIOS POSTURAIS 1. LORDOSE CERVICAL = Acentuação da concavidade da coluna cervical. CAUSA: - Hipertrofia da musculatura posterior do pescoço CORREÇÃO: - Fortalecimento da musculatura anterior do pescoço

Leia mais

Termo ergonomia. Ergonomia 25/04/2012. Palavra de origem grega. Ergo Trabalho. Nomos - Regra INTERFACE HOMEM AMBIENTE ERGONOMIA

Termo ergonomia. Ergonomia 25/04/2012. Palavra de origem grega. Ergo Trabalho. Nomos - Regra INTERFACE HOMEM AMBIENTE ERGONOMIA Termo ergonomia Ergonomia Palavra de origem grega Ergo Trabalho LILIANE GRAÇA SANTANA CEREST-ES Nomos - Regra INTERFACE HOMEM AMBIENTE ERGONOMIA É o estudo da adaptação do trabalho às características fisiológicas

Leia mais

SAÚDEMED - Fisio & Terapias. Apresentação

SAÚDEMED - Fisio & Terapias. Apresentação SAÚDEMED - Fisio & Terapias Apresentação HISTÓRIA DA SAÚDE MED ABERTURA DA CLÍNICA: Em Setembro de 2016 a SaúdeMed Iniciou a sua atividade com o objetivo de ser uma clínica de excelência de tratamentos

Leia mais

QUIROPRAXIA NO TRATAMENTO DA COLUNA VERTEBRAL. TERAPIA MANIPULATIVA AMERICANA

QUIROPRAXIA NO TRATAMENTO DA COLUNA VERTEBRAL. TERAPIA MANIPULATIVA AMERICANA QUIROPRAXIA NO TRATAMENTO DA COLUNA VERTEBRAL. TERAPIA MANIPULATIVA AMERICANA Manipulação, Cinesiologia, Palpação dinâmica, Radiologia, Técnicas de Dejarnette (blocking) C/ referência mundial - Dr. Pierre

Leia mais

NOÇÕES DO SISTEMA ESQUELÉTICO OU

NOÇÕES DO SISTEMA ESQUELÉTICO OU NOÇÕES DO SISTEMA ESQUELÉTICO OU SISTEMA LOCOMOTOR OBJETIVOS Identificar as estruturas e funções dos ossos do sistema locomotor; Analisar a importância deste sistema para processo de movimentação e locomoção;

Leia mais

QUIROPRAXIA NO TRATAMENTO DA COLUNA VERTEBRAL. TERAPIA MANIPULATIVA AMERICANA

QUIROPRAXIA NO TRATAMENTO DA COLUNA VERTEBRAL. TERAPIA MANIPULATIVA AMERICANA QUIROPRAXIA NO TRATAMENTO DA COLUNA VERTEBRAL. TERAPIA MANIPULATIVA AMERICANA Manipulação, Cinesiologia, Palpação dinâmica, Radiologia, Técnicas de Dejarnette (blocking) C/ referência mundial - Dr. Pierre

Leia mais

Avaliação Fisioterapêutica do Ombro

Avaliação Fisioterapêutica do Ombro Avaliação Fisioterapêutica do Ombro Departamento de Fisioterapia, Fonoaudiologia e Terapia Ocupacional-FMUSP Profa. Dra. Sílvia Maria Amado João 1. Anatomia Aplicada Articulação Esternoclavicular: Artic.

Leia mais

ESPECIALIZAÇÃO DE FISIOTERAPIA EM SAÚDE DA MULHER

ESPECIALIZAÇÃO DE FISIOTERAPIA EM SAÚDE DA MULHER INSTITUTO CENTRAL Hospital das Clínicas da Faculdade da Medicina da Universidade de São Paulo Av. Enéas de Carvalho Aguiar n.º 255 CEP 05403-900 São Paulo Brasil ANEXO 1 ESPECIALIZAÇÃO DE FISIOTERAPIA

Leia mais

CIOS REALMENTE MODIFICAM A POSTURA? OS EXERCÍCIOS POSTURA? Alterações da Estrutura Corporal. Os Exercícios Realmente Mudam a Postura?

CIOS REALMENTE MODIFICAM A POSTURA? OS EXERCÍCIOS POSTURA? Alterações da Estrutura Corporal. Os Exercícios Realmente Mudam a Postura? Alterações da Estrutura Corporal Exercícios e Postura OS EXERCÍCIOS CIOS REALMENTE MODIFICAM A POSTURA? Ft. Msd. Milena Dutra - milenadutra@bol.com.br Os Exercícios Realmente Mudam a Postura? OS EXERCÍCIOS

Leia mais

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997 RESOLUÇÃO Nº 26-CEPE/UNICENTRO, DE 3 DE MAIO DE 2010. Aprova o projeto de etensão XIX Encontro Anual de Iniciação Científica, EAIC, na modalidade de Evento de Etensão, na categoria de Projeto de Etensão

Leia mais

E-book COLUNA SAUDÁVEL. Dr Thiago Rodrigues

E-book COLUNA SAUDÁVEL. Dr Thiago Rodrigues IMAGINE A VIDA SEM DOR NA COLUNA. E-book COLUNA SAUDÁVEL Dr Thiago Rodrigues DESCUBRA OS EXERCÍCIOS PARA DEIXAR SUA COLUNA SAUDÁVEL COM O FISIOTERAPEUTA DR THIAGO RODRIGUES ESPECIALISTA EM PROBLEMAS DE

Leia mais

PLANO DE TRABALHO: DISCIPLINA - ANATOMIA RADIOLÓGICA EM TOMOGRAFIA COMPUTADORIZADA E RESSONÂNCIA MAGNÉTICA

PLANO DE TRABALHO: DISCIPLINA - ANATOMIA RADIOLÓGICA EM TOMOGRAFIA COMPUTADORIZADA E RESSONÂNCIA MAGNÉTICA PLANO DE TRABALHO: DISCIPLINA - ANATOMIA RADIOLÓGICA EM TOMOGRAFIA COMPUTADORIZADA E RESSONÂNCIA MAGNÉTICA PROFESSOR(ES): Luciana Costa (Resp) Andréa Bastos 1. EMENTA: A disciplina Anatomia Radiológica

Leia mais

COLUNA: SEGMENTO TORÁCICO

COLUNA: SEGMENTO TORÁCICO COLUNA: SEGMENTO TORÁCICO Ft. Ms. Adriana de Sousa do Espírito Santo ANATOMIA 12 vértebras. 1a. e 2a. São de transição. O corpo possui o d ântero-posterior e transversal iguais e apresenta semifacetas

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 006/2007-CEPE/UNICENTRO

RESOLUÇÃO Nº 006/2007-CEPE/UNICENTRO RESOLUÇÃO Nº 006/2007-CEPE/UNICENTRO Aprova o Regulamento do Laboratório de Análise Experimental do Comportamento do Departamento de Psicologia da UNICENTRO. O REITOR DA UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE,

Leia mais

TORNE-SE UM PARCEIRO LICENCIADO DO INSTITUTO RV

TORNE-SE UM PARCEIRO LICENCIADO DO INSTITUTO RV www.institutorv.com.br TORNE-SE UM PARCEIRO LICENCIADO DO INSTITUTO RV RCV REEQUILÍBRIO DA COLUNA VERTEBRAL FISIOTERAPIA BAROPODOMETRIA ATM/DTM PALMILHAS POSTURAIS E ESPORTIVAS1 O Instituto RV é uma clínica

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DO FORTALECIMENTO DO MÚSCULO TRANSVERSO ABDOMINAL NO TRATAMENTO DAS LOMBALGIAS LIMA, F.M 1, XAVIER, M 1, QUINTILIANO,T.R.

A IMPORTÂNCIA DO FORTALECIMENTO DO MÚSCULO TRANSVERSO ABDOMINAL NO TRATAMENTO DAS LOMBALGIAS LIMA, F.M 1, XAVIER, M 1, QUINTILIANO,T.R. A IMPORTÂNCIA DO FORTALECIMENTO DO MÚSCULO TRANSVERSO ABDOMINAL NO TRATAMENTO DAS LOMBALGIAS LIMA, F.M 1, XAVIER, M 1, QUINTILIANO,T.R.S, BARROS JR,E.A, AIMBIRE,F. 1 1 Universidade do Vale do Paraíba/

Leia mais

Dia Tema Palestrante CH Resumo Nº de Vagas. 08h:15min 10h

Dia Tema Palestrante CH Resumo Nº de Vagas. 08h:15min 10h Dia Tema Palestrante CH Resumo Nº de Vagas Local 23/10/2017 08:00 - Abertura do evento 23/10/2017 NOÇÕES BÁSICAS DE PODOPOSTUROLOGIA 08h:15min 10h Dr. Zari Neto - Crefito10 127789-F Responsável Técnico

Leia mais

Dia Tema Palestrante CH Resumo Nº de Vaga s 23/10/2017 8:00 - Abertura do evento. 8h:15min 10h

Dia Tema Palestrante CH Resumo Nº de Vaga s 23/10/2017 8:00 - Abertura do evento. 8h:15min 10h Dia Tema Palestrante CH Resumo Nº de Vaga s 23/10/2017 8:00 - Abertura do evento Local 23/10/2017 NOÇÕES BÁSICAS DE PODOPOSTUROL OGIA Dr. Zari Neto Fisioterapeuta- Crefito10 127789-F Responsável Técnico

Leia mais

CURSO: FISIOTERAPIA EMENTAS º PERÍODO

CURSO: FISIOTERAPIA EMENTAS º PERÍODO CURSO: FISIOTERAPIA EMENTAS 2017.1 1º PERÍODO DISCIPLINA: ANATOMIA DO SISTEMA LOCOMOTOR Introdução ao estudo anatômico. Posição Anatômica. Termos de Posição Anatômica. Anatomofisiologia dos Sistemas Esquelético

Leia mais

COM ANDRZEJ PILAT (OUT 2015) LISBOA

COM ANDRZEJ PILAT (OUT 2015) LISBOA INDUçãO MIOFASCIAL: TéCNICAS ESTRUTURAIS COM ANDRZEJ PILAT (OUT 2015) LISBOA A Indução Miofascial é um método de avaliação e de tratamento das disfunções do sistema fascial com o objetivo de aliviar a

Leia mais

Curso: Fisioterapia Professor: José Gláucio Disciplina: Ortopedia e Traumatologia Carga Horária: 72h. Ano: 2015 Semestre: 6º PROGRAMA DE CURSO

Curso: Fisioterapia Professor: José Gláucio Disciplina: Ortopedia e Traumatologia Carga Horária: 72h. Ano: 2015 Semestre: 6º PROGRAMA DE CURSO Curso: Fisioterapia Professor: José Gláucio Disciplina: Ortopedia e Traumatologia Carga Horária: 72h. Ano: 2015 Semestre: 6º PROGRAMA DE CURSO EMENTA: Semiologia, propedêutica e terapêutica fisioterápica

Leia mais

CURSO: FISIOTERAPIA EMENTAS º PERÍODO

CURSO: FISIOTERAPIA EMENTAS º PERÍODO CURSO: FISIOTERAPIA EMENTAS - 2016.1 1º PERÍODO DISCIPLINA: ANATOMIA DO SISTEMA LOCOMOTOR Terminologia Anatômica. Sistema Esquelético. Sistema Articular. Sistema Muscular. DISCIPLINA: SISTEMAS BIOLÓGICOS

Leia mais

MODELO FORMATIVO. DATA DE INíCIO / FIM / HORARIO Manhã - 9:00 às 13:00 Tarde - 14:00 às 18:00

MODELO FORMATIVO. DATA DE INíCIO / FIM / HORARIO Manhã - 9:00 às 13:00 Tarde - 14:00 às 18:00 AVALIAçãO FíSICA E PRESCRIçãO DE EXERCíCIO (NOV 2017) - PORTO Com este curso, terá acesso a um conjunto de aspetos na avaliação do cliente que o ajudarão a ter visão alargada sobre alguma limitação/disfunção

Leia mais

REFERENCIAL DE FISIOTERAPIA - ATUALIZADA 01/01/2016 Adequado à terminologia Unificada da Saúde Suplementar TUSS do Padrão TISS, regulamentado pela ANS

REFERENCIAL DE FISIOTERAPIA - ATUALIZADA 01/01/2016 Adequado à terminologia Unificada da Saúde Suplementar TUSS do Padrão TISS, regulamentado pela ANS REFERENCIAL DE FISIOTERAPIA - ATUALIZADA 01/01/2016 Adequado à terminologia Unificada da Saúde Suplementar TUSS do Padrão TISS, regulamentado pela ANS Código Procedimento Autorização Prévia Valor 2.01.03.00-0

Leia mais

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997 RESOLUÇÃO Nº 22-CEPE/UNICENTRO, DE 15 DE JUNHO DE 2012. Aprova o Regulamento de Normas e Utilização dos Laboratórios do Campus CEDETEG da UNICENTRO. O VICE-REITOR, NO EXERCÍCIO DO CARGO DE REITOR DA UNIVERSIDADE

Leia mais

Disciplina. 1 ano - 2 Semestre. Disciplina

Disciplina. 1 ano - 2 Semestre. Disciplina 1 ano - 1 Semestre Anatomia Humana I 60 4 Estudo da Genética e da Evolução 60 4 Necessidades Educacionais Especiais 60 4 História e Fundamentos da Fisioterapia 45 3 Antropologia 30 2 Fisiologia 60 4 Saúde

Leia mais

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997 RESOLUÇÃO Nº 64-CEPE/UNICENTRO, DE 19 DE DEZEMBRO DE 2014. Aprova o Curso de Especialização em Gestão Contábil, Auditoria e Perícia, modalidade regular, da UNICENTRO. O REITOR DA UNIVERSIDADE ESTADUAL

Leia mais

MODELO FORMATIVO. DATA DE INíCIO / FIM / HORARIO Manhã - 9:00 às 13:00 Tarde - 14:00 às 18:00 INVESTIMENTO FORMADOR

MODELO FORMATIVO. DATA DE INíCIO / FIM / HORARIO Manhã - 9:00 às 13:00 Tarde - 14:00 às 18:00 INVESTIMENTO FORMADOR TERAPIA SACRO-CRANIANA PARA FISIOTERAPEUTAS (OUT 2016) - PORTO Este curso bastante prático, foca a Terapia Sacro-Craniana segundo uma abordagem adaptada às necessidades do Fisioterapeuta. Com João Tedim

Leia mais

CURSO DE FISIOTERAPIA Autorizado plea Portaria nº 377 de 19/03/09 DOU de 20/03/09 Seção 1. Pág. 09 PLANO DE CURSO

CURSO DE FISIOTERAPIA Autorizado plea Portaria nº 377 de 19/03/09 DOU de 20/03/09 Seção 1. Pág. 09 PLANO DE CURSO CURSO DE FISIOTERAPIA Autorizado plea Portaria nº 377 de 19/03/09 DOU de 20/03/09 Seção 1. Pág. 09 Componente Curricular: Semiologia Fisioterapêutica Código: Fisio 207 Pré-requisito: Cinesiologia e Biomecânica

Leia mais

O que é a SÍNDROME do DESFILADEIRO TORÁCICO

O que é a SÍNDROME do DESFILADEIRO TORÁCICO O que é a SÍNDROME do DESFILADEIRO TORÁCICO Consiste em um complexo sintomático resultante da compressão do fluxo neurovascular na saída torácica (artéria, veia ou nervos do plexo braquial) no seu percurso

Leia mais

PODOPOSTUROLOGIA (SET 2016) - PORTO

PODOPOSTUROLOGIA (SET 2016) - PORTO PODOPOSTUROLOGIA (SET 2016) - PORTO A Podoposturologia é um método que tem como objetivo reeducar e realinhar a estrutura do corpo com base na prescrição de palmilhas, proprioceptivas e termomoldáveis,

Leia mais