Janeiras superam expectativas

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Janeiras superam expectativas"

Transcrição

1 Propriedade e administração: Centro Lusitano Birmensdorferstrasse Zürich Directora: Sandra Ferreira Ano: XX N.º: 191 Março 2014 Mensal Distribuição gratuita Tel.: Fax: Web: Janeiras superam expectativas Opinião A vitória do medo... - pág. 06 Actualidade Reacções de vários quadrantes, ao resultado do referendo - pág. 17 Desporto Procura-se treinadores e árbitros para dar formação - pág. 30

2 Publicidade 3 / Centro Lusitano Birmensdorferstr, Zürich - Consulado Geral de Portugal em Zurique Zeltweg Zurique Tel. Geral: Serviços de ensino: Serviços sociais: Abertura de segunda a sexta-feira das 08:30 às 14:30 horas Edição anterior Bufete, reserva de refeições Cursos de alemão Direcção / Futebol / InCentro Publicidade / Rancho folclórico / Vamos contar uma história Embaixada de Portugal Weitpoststr Bern 15 Secção consular: Serviçoa sociais: Serviços de ensino: Serviços municipais de informação para imigrantes - Zurique (Welcome Desk) Stadthausquai 17 - Postfach 8022 Zurique Tel.: Polícia 117 Bombeiros 118 Ambulância 144 Intoxicações 145 Rega 1414 Missão Católica de Língua Portuguesa ZH Katholische Mission der Portugiesischsprechenden Fellenbergstrasse 291, Postfach Zürich Tel.: Horário de atendimento: - segundas, quartas e sextas-feiras das 9h às 12h30 e das 13h30 às 18h - terças e quintas-feiras até às 19h

3 Editorial 2/ Caros Leitores Antes de mais gostaria de desejar a todos os leitores um óptimo Ano Novo. Espero que este ano tenha entrado com o pé direito e que traga muita alegria a e saúde a todos. Pessoalmente não poderia ter começado da melhor maneira trazendo-me um presente que toda a mulher deseja: ser mãe. Apesar dos desejos serem os melhores, este ano não começou da melhor maneira para a comunidade emigrante na Suíça. O referendo do passado dia 9 de Fevereiro está na boca de todo o mundo e a preocupação não é para menos. A mim particularmente não me surpreendeu esta votação dando a vitória ao Sim: Sim à limitação da entrada de emigrantes na Suíça. O que me deixou realmente de boca aberta (e com um certo momento de raiva) foi saber que houve vários emigrantes nacionalizados que também votaram a favor desta iniciativa. Pergunto-me como é possível votarmos a favor de algo que é contra o que nós próprios somos: emigrantes; contra a nossa gente, contra a solidariedade para com os nossos?! Será que valores como o humanismo, a solidariedade, o respeito mútuo são mesinhas de outros tempos? Será que estas três palavras já não são cool nos dias de hoje? Acho que está na hora de revermos um pouco os nossos valores e não esquecer de onde viemos e o que nos trouxe ao ponto em que nos encontramos. Sandra Ferreira Tudo isto faz-me lembrar a história infantil da cegonha e da raposa em que no final de tudo ao pensar que estamos a enganar os outros, nós enganamos a nós mesmos. Sim, pois meus senhores, se pensam que ao votarem contra a entrada de novos emigrantes pensam que estão a garantir o vosso posto de trabalho ou terão mais oportunidades, enganem-se! Temos que aprender que existem situações que não se resolvem com um simples fechar da porta, mas sim com um estender de mão e uma simples pergunta: em que posso ajudar? E como toda a história infantil acaba com uma moral, aqui fica a desta história que ainda vai ter muito que contar: Nunca faças aos outros o que não gostas que te façam a ti! Ficha técnica Publicidade Propriedade Centro Lusitano 8004 Zürich Administração Centro Lusitano Directora Sandra Ferreira Sub-director Armindo Alves Redacção e Colaboração Armindo Alves, Pedro Silva, Maria José Silva, Manuel Beja, Marta Pérez, Zuila Messmer, Mendes Serafim, Domingos Pereira, Joana Araújo, Daniel Bohren, Mónica Carvalhais, Emília Farinha, Euclides Cavaco, Marília Mendes, Vicente L. de Moura, Carmindo de Carvalho, Alice Vieira, Carlos Paz, Carlos Esperança Nota: Os textos publicados, são da exclusiva responsabilidade dos seus autores e não representam necessariamente as opiniões do Lusitano. Outras fontes: Publicidade: Tel.: Edição, composição e paginação Manuel Araújo -Jornalista Braga Portugal Tel.:(+351) Impressão: DM Braga Tiragem: 2000 exemplares Periodicidade: Mensal Distribuição gratuita Esta publicação não adopta o (des)acordo Ortográfico

4 Associativismo 3 / Janeiras superam mais uma vez as expectativas Armindo Alves As coisas que começam numa brincadeira, com o desenrolar do tempo tornam-se sérias e com objectivos definidos. O cantar das Janeiras do Centro Lusitano partiu de uma pequena brincadeira de um par de amigos sentados numa mesa que decidiram de um momento ao outro partir para as ruas com um par de instrumentos musicais e cantar as janeiras aos nossos conterrâneos. Como a brincadeira foi bem recebida decidimos então levar as coisas mais a serio, a pensar no próximo e em manter as nossas tradições vivas mesmo estando fora do país. Percorremos a cidade, cantão, e este ano abrimos o leque, levando a cantoria mesmo a Bern, Interlaken e Luzern. Pois quem corre por gosto não cansa! Cada ano que passa o grupo fica maior. Temos alguns que saem e outros que entram e também temos alguns dos fundadores. Nos últimos dois anos o grupo teve uma grande alteração onde sem querer conseguimos juntar elementos de várias instituições dispersas pelo cantão. Para quem nos vê chegar, as pessoas as vezes acham que é fácil e alguns até chegam a duvidar dos nossos objectivos, deixo desde já claro que andar um mês de Sexta a Domingo a percorrer quilómetros não e nenhum passatempo, tudo que nós investimos é de Alma e coração, pois as horas que se investem, o combustível e o próprio almoço ou Jantar sai do nosso

5 3/ bolso. O nosso objectivo e servir o próximo e quanto mais poder-mos ajudar mais satisfeitos ficamos. Este ano mais uma vez ultrapassamos as expectativas, onde angariámos Fr., que será distribuído pela igualdade pelas três instituições: Bombeiros Voluntários de Armamar, Bombeiros Voluntários de Miranda do Douro e para o fundo de apoio as vitimas dos Bombeiros Voluntários. Deixo o meu grande obrigado a todas as instituições que nos deram a oportunidade de cantar as Janeiras, a todos que contribuíram e aos elementos deste belíssimo grupo que foi incansável ao longo do mês de Janeiro. São verdadeiros Heróis. Fica a promessa, para o ano cá estaremos outra vez com a mesma intenção se Deus quiser...

6 Comunidade 3 / A vitória do medo Ante o espanto e a indignação, o eleitorado suíço, em referendo, colocou em causa o princípio da livre circulação de pessoas. Ao que parece, o medo existe e ameaça os interesses da Suíça. O medo da perda de privilégios, da quebra de estabilidade, da insegurança, foram argumentos de peso na polémica gerada à Manuel Beja volta da iniciativa lançada pela direita conservadora e aceite nas urnas por escassos milhares de votos de diferença. A sabedoria popular diz-nos que nada é tão contagioso como o medo, e assim foi uma vez mais. A ladainha dos medos voltou a ser utilizada, com arte e má-fé, no debate sobre o referendo, diabolizando os estrangeiros, como sempre tem acontecido, pelos males da sociedade. De pouco serviu o alerta de que sem os imigrantes nada funciona, na Suíça e que são várias as áreas produtivas dependentes exclusivamente desta força de mão-de-obra. Toda a atmosfera de medo, evasiva e turva, favoreceu o imbróglio para onde fomos atirados. Mas, digam o que disserem, os receios do eleitorado têm razão de ser. A crise europeia, as más políticas migratórias, o desemprego, a contratação laboral precária, os baixos salários, a ausência de horizontes de uma parte da população aliada a uma boa dose de xenofobia, tudo isto surge como uma ameaça ao modo de vida das pessoas. Aliás, por toda a Europa corre um vendaval de confusão com os políticos a baralharem as expectativas dos cidadãos. No caso da decisão do povo suíço, pela imposição de limites à aceitação de imigrantes provenientes da União Europeia, os políticos, em vez de atenuarem os efeitos perversos da votação e gerarem confiança junto dos cidadãos, optam por continuar a agitar os fantasmas de toda a espécie. No meio da folia, chegou a ser dolorosa a tirada demagógica do ministro Rui Machete: A Suíça não pode querer ter sol na eira e chuva no nabal. Pois bem, e a Europa, não quererá também o sol na eira e a chuva no nabal? A união Europeia não pode atirar pedras aos outros quando foram eles a impor os Acordos de Schengen, aprovaram uma série de directivas vergonhosas tais como a directiva do Retorno e aceitam a aplicação de quotas de trabalho na legislação de vários países. É caso para dizer; Bem prega, Frei Tomás, fazei o que ele diz mas não o que ele faz. O referendo não foi só um desafio interno ao Conselho Federal, foi também um desafio à estratégia da União Europeia sobre a livre circulação de pessoas, a base da própria construção europeia. Ora, isso preocupa-nos. Desgraçadamente, os trabalhadores emigrantes vão ter pela frente uma época extremamente difícil. Será num clima de dúvidas que nos vamos mover, trabalhar, cumprir com os deveres de residentes e lutar pelos nossos direitos. Apesar dos medos, e de tudo o mais, é injusta e pouco lúcida a condenação do povo suíço. É prioritário, isso sim, diminuir, ou mesmo estancar, as tensões onde elas possam existir. Quer se queira, ou não, vivemos todos debaixo do mesmo tecto. (*) Conselheiro da Comunidade Portuguesa na Suíça BELGA_Patrick Seeger

7 3/ Os famosos também emigram Manuel Beja A notícia caiu como uma bomba. Fernando Tordo, cantor e compositor, deixou Lisboa em direção ao Recife, Brasil. O intérprete de Tourada, Cavalo à Solta, Adeus tristeza e tantos outros êxitos da música ligeira portuguesa, passou a integrar a longa fila da emigração. A resposta não se fez esperar, um alvoroço de artigos, comentários, elogios e depoimentos acompanhou a sua partida.com 65 anos de idade, desiludido pela falta de trabalho, resultado do desleixo daqueles que desgraçadamente nos têm governado e atirado a cultura portuguesa para a lama, deixou-se guiar pelos sinais da esperança. As coisas em Portugal não vão bem. Mas, apesar das mágoas e do desalento as pessoas vão acreditando ansiosamente numa melhoria de situação, até que, esgotadas, não podendo mais, batem com a porta. Assim aconteceu com Fernando Tordo. Fez as malas, juntou a viola, e arrancou. Outros nomes conhecidos do meio das artes e da cultura deixaram o país há muito, outros se preparam para seguir o mesmo exemplo, a falta trabalho, as dificuldades de sobrevivência, o desprezo a que foram atirados e a mesquinhez de um Governo que tão pouco tem feito pela cultura, isto, tudo junto, é demais! Na hora da partida, Fernando Tordo, justificou a decisão; Não aceito o modo como tenho sido tratado e por isso vou-me embora. Para quem viveu o que eu vivi este país é uma desilusão. Fernando Tordo emigrou triste e revoltado com a terra onde nasceu, se fez homem e artista, na firme convicção que o esperam em distantes horizontes, novas oportunidades artísticas e culturais. Em 50 anos de carreira, Fernando Tordo, produziu uma impressionante obra discográfica. Soube fazer amizades com grandes valores da cultura portuguesa e internacional, desde o poeta Ari dos Santos ao maestro François Rauber. Foi acompanhado pelas melhores orquestras da Europa e assinou, para além das músicas, as letras dos seus trabalhos. Fernando Tordo, cantor e compositor foto: TRIPLOV Sabemos que, o sucesso e a carreira de Fernando Tordo, vai continuar, agora no Brasil, para onde emigrou. Desejamos, ao Fernando, muitas felicidades e êxitos. Partes, e, contigo, levas a saudade do Portugal de Abril. SEGUROS Doença ( krakenkasse ) Chf ( adultos / +25 anos ) Chf ( adultos / anos ) Chf ( menores / 0-18 anos ) VIDA VIAGEM AUTOMÓVEL PERDA DE SALÁRIO, etc... CRÉDITOS DESDE 8,9% permissos L, B, C

8 Direito 3 / Rescisão de contrato Daniel Bohren [Advogado] Em outubro de 2013 o contrato de trabalho de C.V. foi rescindido para fim de janeiro. Pelas festas a empresa fechou para férias. O patrão comunicou a C.V., que já não precisaria de comparecer ao trabalho em janeiro; o salário ser-lhe-ia contudo pago. C.V. ainda tinha direito a 14 dias de férias em janeiro. C.V. quer saber se pode exigir o pagamento destas férias adicionalmente ao salário de janeiro? A regulação legal não é clara. Basicamente é lei imperativa, que as férias têm efetivamente de ser gozadas, quer isto dizer, não podem ser apenas compensadas em dinheiro, a saber, também não durante um prazo de rescisão. Mas justamente numa rescisão os empregados têm com frequência o desejo, de que as férias lhes sejam pagas, para terem um pouco mais de dinheiro no bolso. Portanto: as férias só podem, segundo a prática dos tribunais, ser atribuídas durante o prazo de rescisão contra a vontade do empregado, se tal for razoável para o empregado. Segundo a lei tem de na ordenação de férias ser sempre tido em consideração os interesses do empregado. Não é assim por exemplo admitido, que sejam ordenadas férias a curto prazo, ficando deste modo muito pouco tempo para o planeamento das férias. Também não é admitido, que durante um prazo de rescisão curto, sejam ordenadas férias, porque o empregado precisa do prazo de rescisão para a procura de um novo trabalho. O empregado tem, para além disso, segundo a lei sobre o seguro de desemprego, a obrigação de durante o prazo de rescisão procurar intensivamente um novo trabalho. C.V. foi no entanto dispensado do trabalho durante todo o mês de janeiro, apesar de apenas ter direito a gozar 14 dias de férias. O patrão só pode com uma tal dispensa ordenar as férias, se ficar ao empregado tempo suficiente durante a dispensa e apesar das férias para procurar trabalho. C.V. terá boas hipóteses de exigir para além do salário de janeiro o pagamento das férias. Por um lado o prazo de rescisão do contrato de trabalho de 3 meses não é muito extenso particularmente por os dias de festas de natal e ano novo teriam lugar durante o dito prazo de rescisão e durante estes dias uma procura de trabalho seria praticamente infrutífera, uma vez que muitas empresas se encontram fechadas ou reduzem o seu funcionamento. Também o tempo de dispensa do trabalho de 1 mês não é especialmente longo e C.V. já não teria para além dos 14 dias de férias muito mais tempo para procurar um emprego. Outra coisa seria efetivamente, se C.V. já em janeiro tivesse encontrado um novo posto de trabalho. Ter-lhe-ia então sido possível gozar as férias, mesmo que lhe tivessem dito que as teria de gozar em janeiro. Mas não é obrigado a estar de acordo com a imposição das férias a curto prazo. O empregado também pode naturalmente estar de acordo em gozar as férias durante o prazo de rescisão. C.V. teria no entanto possívelmente de comprovar, que teria comunicado à entidade patronal, de que não estava de acordo em gozar as férias em janeiro. Tem perguntas que digam respeito ao direito? Envie a sua pergunta com a indicação Lusitano a: Bohren Rechtsanwalt, Postfach 229, 8024 Zürich ou para

9 3/2014 9

10 3 /

11 Saúde 3/ Caminhar - o rumo certo em direcção à saúde photl.com Zuila Messmer Pesquisadores conseguiram precisar em passos diários, o que dá em média uma caminhada em ritmo moderado em média de 20 minutos, ou cerca de 1,5 km, ao longo dos 12 meses durante o ano como o necessário para reduzir os riscos de sofrer um ataque cardíaco ou um acidente vascular cerebral (AVC) em 10%. A pesquisa foi publicada pelo jornal científico Lancet. Portanto, vamos nos mexer. Se uma pequena caminhada já ajuda, porque não transformá-la em um hábito real e diário? Caminhando estaremos indo passo a passo em busca da preservação e manutenção de nossa saúde. O resultado mostra que mesmo sem grandes sacrifícios é possível alcançar óptimos benefícios apenas com acções quotidianas, como estacionar um pouco mais distante do destino e dar uma caminhada, ou utilizar as escadas, passear com o cachorro ou fazer pequenas compras como ir à padaria ou ao supermercado por exemplo. Há tempos que a Organização Mundial da Saúde recomenda que se dê dez mil passos diários, para manter uma vida saudável. Com esse total haveria a redução de 34% dos riscos cardiovasculares e de 58% para o desenvolvimento de diabetes. De acordo com os responsáveis pelo estudo, o papel cardioprotector da actividade física diária decorre da melhora da absorção das gorduras, além da diminuição do cálcio na artéria coronária, que pode levar a uma hipercalcemia, que é elevada concentração de cálcio no sangue. Esse estudo vem reforçar nossa permanente cruzada pela prevenção de saúde. Seja com melhores hábitos alimentares, com acompanhamento médico regular, evitando vícios como álcool e fumo, entre outros, ou praticando actividades físicas. O sedentarismo (a vida parada, o pouco movimento) está comprovado, é um péssimo aliado e leva a problemas que comprometem a saúde. Alguns visíveis, como a obesidade, mas muitos silenciosos e de difícil percepção sem o olhar clínico, como o diabetes ou a hipertensão.

12 Educação 3 / apresenta: 5 abril 2014 Unterrohrstrasse 2 Sporthalle, 8952 Schlieren QUIM ROSCAS & ZECA ESTACIONÂNCIO JOÃO PEDRO PAIS COM BANDA QUIM BARREIROS COM BANDA Informações: //isaias.oslatinos Isaías Dias SANTA MARIA COM BANDA Criação: Produção:

13 Entrevista 3/ Uma loja portuguesa com certeza! A Loja S&L Fashion encontra-se em Rudolfstetten, numa aldeia pacata na fronteira do Cantão de Aargau com o Cantão, a 16 km da Estação. Uma loja muito requintada que representa 8 Marcas Portugueses de grande qualidade. Armindo Alves Lusitano - Quando abriu a loja, mais ao menos a dimensão? S&L A loja abriu no dia , tem cerca de 60 metros quadrados. Lusitano - Como surgiu a ideia de abrir uma loja de acessórios Portugueses? S&L - A ideia surge de uma conversa entre nós em vender a marca cavalinho, mas como em Portugal existe tentas marcas de qualidade então resolvemos em abrir uma loja só mesmo com marcas portuguesas. Lusitano - As roupas e os acessórios são Portugueses? S&L - As 8 marcas que temos na loja são todas marcas portuguesas. A maior parte dos artigos são também fabricados em Portugal. Em Portugal existe uma qualidade nesta área muito boa. Lusitano - Como são os preços, em relação ao mercado? S&L - Os preços em relação a artigos de outras marcas mais conhecidas são mais ou menos iguais e em relação a economia suíça são acessíveis. Lusitano - A clientela e só portuguesa ou também de outras nacionalidades? S&L - Temos clientes um pouco de todas as nacionalidades a maior parte são portugueses que conhecem muito bem as marcas,. Nem todos os portugueses conhecem as marcas o que e pena não conhecerem o que e nacional. Obrigado Luís e Sónia, desejo-vos muito sucesso. Lusitano - Porquê em Rudolfstetten? S&L - Porque vivemos aqui e porque temos a nossa filha mais velha aqui na escola. Assim podemos estar perto das nossas filhas. Lusitano - Quais os produtos que vendem, são acessórios de e senhoras, Homens ou para crianças? S&L - É uma loja de roupa e acessórios de mulheres, homens e crianças

14 Opinião 3 / Contradições Este mês escolhi a palavra contradição, como fonte de inspiração para esta minha sequência de palavras. A palavra contradições, segundo o dicionário significa uma proposição não pode ter simultaneamente o valor lógico verdade e o valor lógico falsidade. Ou seja, uma contradição não é uma mentira, mas também não é uma verdade. Digamos que é um paradoxo, que desafia a lógica e o senso comum. Como os parágrafos que se seguem. 1- O BPN foi privatizado pela módica quantia de 40 milhões de euros. Para gerir toda esta agiotagem o governo criou duas empresas de recuperação de créditos e bens, - como os quadros de Miró, adquiridos em 2006 por 35 milhões de euros. E a quem o estado recentemente depositou 510 milhões de euros e, pagou 2 milhões e 500 mil euros, em luvas, para que estes fossem vendidos (Correio da Manhã ). O Sr. Primeiro-ministro vem dizer que o estado assim reembolsaria o grande lucro de cerca de 35 milhões de euros. 2- O governo, depois de indicar as portas de saída do país a todos os portugueses, mesmo aos crânios, vem agora com a demagogia podre, dizer que está a disponibilizar uma verba para incentivar os crânios estrangeiros a virem para Portugal!? Estava o porta-voz do governo anunciar esta brilhante ideia vinda dos crânios laranja e, o Diário de Noticias fazia manchete, Universidade de Lisboa, sem verbas para pagar patentes de investigação. 3- Com uma taxa de desemprego a rondar os 16%, jovens abandonar o país e, milhares de trabalhadores na faixa-etária dos 40 anos sem perspectivas de voltarem a integrar o mundo do trabalho. O pau-mandado do grande capital, (governo e seus cúmplices) discutem e aprovam medidas ma para facilitar o despedimento. Tendo como base a antiguidade, o desempenho e as avaliações literárias do trabalhador. 4- Na Carris e no Metro de Lisboa empresas públicas -, os actuais administradores que levaram estas empresas a perder mil milhões de euros nos negócios swaps. Foram promovidos e recompensados. Nos gabinetes das mesmas empresas, funcionários que não usam gravata são postos no olho- -da-rua. 5- A Autoridade Tributária e Aduaneira (finanças), (..) vai atribuir, prémios aos consumidores que exigirem a emissão de facturas nas aquisições de bens e serviços. O Cidadão exemplar tem de recolher ( ) faturas emitidas por empresas que exercem atividade nos setores da hotelaria e restauração, cabeleireiros e reparação de automóveis e de motociclos. O Paradoxo desta medida é, que está a camuflar os grandes agiotas da evasão fiscal, os bancos. Porque ficam estes de fora? Não são estes, empresas no sector dos serviços? Não cobram comissões aos clientes pelas suas transferências? 6- Também aqui na diáspora as contradições existem. O Ministério Dos Negócios Estrangeiro penalizou os seus funcionários na remuneração e aumento da carga fiscal. Oferece ao utente e funcionários condições de atendimento e laborais no limite da aresta da dignidade. Como se sabe, tudo isto é pelo sagrado motivo da contenção de despesas!? No entanto, esbanja-se dinheiro, (duas dezenas de milhar de francos suíços por mês) por estas digníssimas instalações? Os diplomatas portugueses e seus plebeus não estão em sintonia em correspondência postal - com as colectividades portuguesas. Por mais que se esforcem em passar a mensagem, essa não chega. Será que por motivos de contenção de despesas não colocaram o respectivo selo-postal? 8- Na Suíça, Alemanha, Ingraterra e parte do Luxemburgo, o estado português decretou o pagamento de uma propina a pagar pelo ensino da língua portuguesa para estrangeiros, - a portugueses com o objectivo de promover, dinamizar, e certificar os cursos de língua portuguesa. Em 2014 a certificação só se vai realizar para alunos dos cursos do 9 ano (C1), devido que os exames para a mesma, nos restantes níveis, são muito dispendiosos. Mas essa certificação não foi já paga pelo aluno? São estas incoerências, que dão lógica a esta frase. Entre um governo que faz o mal e o povo que o consente, há uma certa cumplicidade vergonhosa (Victor Hugo) Procura-se para entrada imediata quarto ou apartamento pequeno Senhora toma conta de crianças Contacto: da Silva Fernando - Tel.: Tel Zurich

15 Actualidade 3/ As reacções ao sim do referendo a Suíça não pode esperar que os seus bens continuem a fluir livremente para o enorme mercado europeu, ao mesmo tempo que fecha as suas fronteiras aos cidadãos da UE. O sim ao endurecimento da política de imigração suíça, que prevê restrições que abrangem cidadãos de países da União Europeia, ganhou com 50,34% dos votos, num referendo em que a participação superou os 50%. Esta decisão colocará em causa os Acordos Bilaterais/Tratado de livre circulação que está associado a outros acordos; comércio, transportes, investigação, concursos públicos, agricultura etc. e irá inevitavelmente penalizar portugueses que vivem na Suíça há menos de 5 anos. Vários países europeus e personalidades de vários quadrantes reagiram negativamente ao desfecho do referendo. O conselheiro das comunidades portuguesas Manuel Beja, disse à Lusa que o resultado do referendo não coloca unicamente em causa o acordo de livre circulação de pessoas entre a União Europeia e a Suíça, mas é também um momento de grande preocupação quanto ao futuro das comunidades emigrantes assim como da própria economia suíça, tão dependente deste fluxo de mão-de-obra. Já Viviane Reding, comissária europeia da Justiça, Direitos Fundamentais e Cidadania, alertou a Suíça para as consequências da imposição de restrições à livre circulação, lembrando que o mercado único não pode ter buracos. O mercado único não é um queijo suíço. Não é possível termos um mercado único com buracos Por outro lado, o ministro dos Negócios Estrangeiros do Luxemburgo Asselborn, afirmou em Bruxelas, que a Suíça não pode esperar continuar a ter o mesmo acesso ao mercado interno da União Europeia após limitar a entrada de cidadãos europeus no país. Condenou designadamente a iniciativa do senhor (Christoph) Blocher, líder dessa ideia, acusando aquele que é considerado o líder ideológico do partido União Democrático do Centro de ter vistas curtas. Não podemos, por um lado, ter um acesso privilegiado ao mercado interno da UE e, por outro lado, limitar a livre circulação. Os dois estão ligados, isso é claro Por parte do Parlamento Europeu, o seu presidente Martin Schulz, disse esperar que a Suíça respeite os seus compromissos internacionais, sublinhando que o resultado do referendo que permite quotas a imigrantes da UE deve ser analisado com calma. A UE irá honrar os seus compromissos para com a Suíça e espera que os seus parceiros façam o mesmo, salientou Schulz, num comunicado divulgado em Bruxelas, numa alusão ao facto de a Federação Helvética integrar o espaço Schengen de livre circulação de pessoas, bens, capital e serviços. Schulz salientou ainda que cabe ao Governo suíço tirar conclusões do referendo e avaliar como se pode compatibilizar esta decisão com os compromissos internacionais do país. A decisão do povo suíço e as preocupações expressas precisam de uma análise calma, salientou o presidente do PE, apelando à calma nas reacções. Também a França e a Alemanha manifestaram- -se também preocupadas com o resultado do referendo da para instituir quotas anuais para os imigrantes da União Europeia. O sim ao endurecimento da política de imigração suíça, que prevê restrições que abrangem cidadãos de países da União Europeia (UE) ganhou no domingo, com 50,34% dos votos, num referendo em que a participação superou os 50%. Na reacção, o ministro das finanças alemão, Wolfgang Schaeuble, disse que o voto provocará uma quantidade de dificuldades para a Suíça, enquanto o ministro dos Negócios Estrangeiros francês, Laurent Fabius, avisou que prejudicará a Suíça por ser egocêntrica. Já o Movimento Europeu Internacional, considerou o desfecho do referendo na Suíça sobre imigração, desrespeita os valores fundamentais do humanismo, liberdade e solidariedade, levando aquele país a entrar numa era de regressão. O Movimento Europeu, uma organização internacional não- -governamental, que visa a promoção da integração europeia, e que tem como secretário-geral o português Diogo Pinto, manifestou hoje a sua tristeza e preocupação com a aprovação da iniciativa populista de reintroduzir cotas de imigração a cidadãos da União Europeia na Suíça. Esta mudança não só prejudica todo o acordo bilateral UE-Suíça, resultado de 20 anos de negociações, mas também a prosperidade económica e social do país como um todo. Brevemente, os cidadãos suíços irão descobrir que foram iludidos por falsas promessas de uma política xenófoba e isolacionista, considerou o movimento. A organização sublinhou que a Suíça não pode esperar que os seus bens continuem a fluir livremente para o enorme mercado europeu, ao mesmo tempo que fecha as suas fronteiras aos cidadãos da UE. Por último José Cesário, secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, disse à Lusa que o resultado do referendo suíço que aponta para a limitação da entrada de cidadãos da União Europeia não é positivo. O secretário de Estado afastou qualquer consequência para a comunidade portuguesa que na sua esmagadora maioria está a residir há mais de dez anos no território helvético e encontra-se perfeitamente integrada. O governante admitiu que o resultado do referendo possa criar dificuldades para quem está na Suíça há pouco tempo e peça uma autorização de residência duradoura e para quem quiser emigrar para este país. José Cesário ressalvou que quem não tem qualquer tipo de qualificação profissional é quem enfrenta maiores dificuldades. Os suíços decidiram voltar a limitar a entrada de cidadãos de países da União Europeia (UE) no seu mercado laboral, através da instituição de quotas anuais que devem aplicar-se daqui a três anos. - M.A.

16 Entrevista 3 / % dos chamados artistas era deitá-los ao lixo - Zézé Fernandes Foi num intervalo entre compromissos e espectáculos que falámos com o Zézé Fernandes. Com o astral em alta, alegre, extrovertido, e ao mesmo tempo acintoso, respondeu às nossas questões. Falou dos seus anseios, gostos pessoais, de política, da profissão e do novo CD que acaba de sair. Inevitavelmente falou-se do meio artístico, não se coibindo de afirmar que 90% dos chamados artistas, o sítio deles era no lixo. Sem ofensa para o lixo, é claro. Manuel Araújo Sabemos que é minhoto, onde nasceu? Nasci em Ponte da Barca a 26 de Junho de 1966, ano em que nos roubaram ingloriamente a final do Campeonato do Mundo de Futebol na Inglaterra. Ladrões!. Sou filho de mãe arcoense (Arcos de Valdevez) e pai barquense (Ponte da Barca). sar dos anos. Hoje subir ao palco ou ir para a mesa das operações são situações bem diferentes. Pânico no hospital e muita calma nos palcos. Sou um senhor. Já me chamaram Bicho de palco. Lembram-se? Qual o Conservatório que frequentou, ou não tem formação musical? Não. Se bem que frequentei o Conservatório de Música de Viana do Castelo, guitarra clássica, mas só durante um ano. A formação que tenho parte da minha pesquisa como auto-didata tanto nos instrumentos tradicionais que toco, como cavaquinho, bandolim, braguesa, entre outros, e os instrumentos de rock como eu gosto de dizer, bateria, guitarra, baixo e teclas. Além de muitos outros que sei fazer algumas coisas. Ah, também sei tocar campainhas de porta, mas aí já não sou dos melhores. Também actua a solo ou é só em grupo? Esta é muito fácil de responder: sempre com banda. bateria o Hugo Carvalho. Ponte de Lima, Ponte da Barca e os dois últimos de Braga. Quantos trabalhos já publicaram? Cinco. O vinho da nação (1999), A dança do lenço (2003), Sou do Minho (2006), 20 anos a encantar Portugal (2010) e o Canções Ilusões (2014). Este seu último trabalho, Canções & Ilusões saído ainda há pouco como o define? O meu melhor CD de todos os tempos. É um CD que tem de tudo, como por exemplo o que o povão se habituou a escutar, os viras e malhões do costume, duas baladas lindíssimas, um malhão em que entro pela primeira vez na intervenção e sátira sócio-política, e para terminar as marchas que estão a fazer muito sucesso. Pela primeira vez faço um CD com músicas e letras todas originais. E o resultado está á vista, mesmo muito bom. de divulgação. E aí tenho que falar no Sou do Minho. Mas mantenho, este novo é o melhor, mas daqui a 2 anos é que posso falar qual o mais marcante. Quanto ao espetáculo mais marcante, também só posso responder daqui a Todos guardamos a recordação da primeira vez. Recorda-se neste caso do primeiro contacto com o publico?: Não me recordo da situação, mas imagino que estaria em estado de pré-pânico. (risos) Coisa que já consegui ultrapassar com o pas- E quem são os elementos do grupo? Começo pelo mais antigo, o tocador de concertina, o Sérgio Fernandes, conhecido internacionalmente por Sérgio Limiano. Nas percussões, loops e vozes o Luis Fernandes. No baixo eléctrico tenho o Jorge Dinis Oliveira e na Qual o trabalho discográfico e o espectáculo mais marcante da sua carreira? Quanto ao trabalho mais marcante, para já só posso falar dos que já têm mais anos

17 Entrevista 3/ uns anos valentes, quando morrer em pleno palco. Esse sim, vai ser o concerto mais emocionante e marcante. (risos). E como depois não estarei cá para responder, adianto já a resposta à vossa pergunta. É habitual os artistas lamentarem sempre o panorama musical português. O que pensa disso, é mesmo assim tão mau? Sou obrigado a responder? Bem, lá vai mau, muito mau, e com tendência para piorar e a culpa não é de certeza minha. Estudos realizados por mim, dão-me o direito de dizer que 90% dos chamados artistas era deitá-los ao lixo. Sem ofensa para o lixo, é claro. A digressão 2014 está prestes a ter início e e s t e n d e -s e quase até final deste ano, a Suíça está no roteiro? InCONFIDÊNCIAS Um Clube Sporting Clube de Braga Uma cor Azul, preto, castanho, cinzento, morenas, loiras, ruivas.ai era só uma? Um fragrância/perfume Não sei. É sempre oferecido mas é muito bom. A comida preferida Toda a comida do Minho e resto de Portugal. Ou como diz o outro, tudo que vem á rede é peixe Uma Bebida Pode ser duas? Cerveja (prá borracheira) e água (prá ressaca) Onde faz férias Vila Praia de Âncora e muito raramente estrangeiro E onde gostava de as fazer? Férias? Vila Praia de Âncora e Choroni (Venezuela). E vou mesmo fazer este ano em Choroni quando terminar a tour em Caracas (15 de Novembro). É tão quentinha a água. E as venezuelanas são muito bonitas e jeitosas. Um livro Não sei. Sabe, é que tenho uma doença, e não consigo estar atento enquanto leio. Um autor Literário Já disse, tenho uma doença, e não consigo estar atento enquanto leio, portanto não posso responder. Uma música I love you (Lee Clayton) entre muitas outras. Um grupo musical Então aí vai um grupo com vários grupos. Deep Purple, Whitesnake, Iron Maiden, Kamelot, Metallica, Pantera, Moonspeel, Ramp, Toni Carreira e..é melhor não meter mais para a entrevista não ficar muito grande. Que carro usa e qual gostava de possuir Tenho um Opel Corsa vermelho com 14 anos e gostava de ter o mesmo carro mas com um ou dois anos no máximo. Pronto, mais novo a bem dizer. É que vai entrar na fase das avarias constantes e vou gastar muito dinheiro. Sinceramente não ligo a carros. Não tenho paixão nenhuma por carros. Quero é que me levem ao sitio que pretendo. E sem avarias se possível. Ainda estou a marcar tantas datas, que a possibilidade de ir à Suíça é bem real. Mas de momento não tenho nada. Mas acredito que venha a marcar. Um filme Braveheart (não é pra me gabar mas já o vi mais de 5729 vezes) Um actor Al Paccino Um herói nacional Maria da Fonte (que falta ela nos fazia agora pra correr com este governo) e Salgueiro Maia (25 de Abril). Sobre a actual situação política nacional Já respondi com a Maria da Fonte. Para terminar, uma palavra para os seus fãs por esse Mundo?: Quero ir tocar à Suíça por favor vá lá estão-me a ouvir? (risos) Facebook: https://www.facebook.com/zeze.fernandes.92 Site Oficial:

18 Comunidade 3 / Sechseläuten - Kinderumzug 2014 Uma das maiores festas da cida esta à porta, estou a falar mais concretamente do Sechseläuten- -Kinderumzug, em português o desfile das crianças na festa da queima do Inverno. Este ano o dito desfile será no Domingo dia 27 de Abril Normalmente esta festa era somente para os Suíços e há uns anos atrás a Organização resolveu abrir as portas ao Mundo, onde permitiram a participação a comunidade Estrangeira. Para participar no desfile as crianças devem usar um trajo regional do País de origem. O Centro Lusitano em 2008 resolveu participar neste desfile cultural e representar Portugal nas ruas da cidade. É uma oportunidade de marcar presença e fazer ver que esta cidade também nos pertence. Todas as crianças entre os 4 e 15 Anos, que pretenderem participar neste evento cultural da Cidade de acolhimento, podem fazer a sua inscrição no Centro Lusitano, via ou facebook: Amigos do Centro Lusitano.

19 Opinião 3/ Suicídios em Portugal - mais de seis por dia [falsa] recuperação económica, na [falsa] baixa do desemprego e que agora está tudo [falsamente] melhor. Se é assim ninguém o sente, pois as condições materiais de vida dos portugueses diminuem dia após dia. Só eles, políticos e banqueiros notam essas melhorias, pois a realidade do português comum é outra. Os portugueses sem trabalho ou sem qualquer subsídio ou rendimento são cada vez mais. São muitíssimas as famílias que já não têm dinheiro para alimentar os filhos. Há idosos que passam fome sem medicação, são jovens e famílias inteiras a tentar emigrar, tal como na década de 60, quando fugiram à Ditadura, à guerra do Ultramar e à fome. Hoje temos uma democracia travestida, desemprego, emigração em massa, fome, doença, desespero, e suicídios por todo o lado Não possuo dados fiáveis sobre esta tragédia invisível e a informação que tenho é de há quase um ano que apontava para uma média de mais de CINCO suicídios por DIA, cerca de DOIS MIL por ano! (http://goo.gl/i9e5hg) Manuel Araújo Em Itália e em outros países, no que se refere ao tratamento de notícias sobre suicídios, e fazendo fé na sua comunicação social não há censura. Em Portugal não se noticiam essas mortes, pois alegam os políticos, que a sua publicação influencia atitudes e comportamentos, levando as pessoas cometer suicídio em série. Não creio que seja assim e penso que o motivo será outro... O que eles pretendem realmente com esta [auto]censura é fazer crer que o problema não existe, preservar a imagem e evitar o peso na consciência, se a tiverem. Um suicídio ao ser noticiado, ao contrário do que afirmam não faz dos leitores/espectadores suicidas. Há outras causas. O que leva as pessoas ao suicídio, não é apenas a rara doença mental que sempre existiu. É a falta de esperança, o desemprego, a doença, a fome, o desespero e o fim da estrada. É o desprezo da sociedade, o iisolamento, o beco sem saída e a parede intransponível. É o nada, a escuridão, é o fim São estes entre outros, os motivos principais de quem comete este acto tresloucado. É lamentável que a informação seja escamoteada aos portugueses pela comunicação social, a coberto de uma auto- -censura, alegadamente aconselhada pelos governantes, que fazem como a avestruz; metem a cabeça no buraco fazendo de conta que os problemas não existem. São actos de cobardia criminosos, no qual a nossa comunicação social voluntariamente anestesiada, obedece e colabora. Querem iludir e a todo custo manter os portugueses longe da verdade nesta paz podre em que vivemos. Querem que acreditemos na tão apregoada Volto a afirmar que ter conhecimento destes casos, não faz dos leitores ou erspectadores suicidas, mas sim as causas que apontei que levam ao suicídio. Se querem realmente que os suicídios diminuam, melhorem as condições básicas da vida dos portugueses.

20 Publicidade 3 / Apartamento T4 perto do Centro de Braga TROCO Apartamento T4 Com 185m2 Garagem colectiva. Cozinha equipada Gás natural Três WC Duas despensas Ar condicionado TV/internet por cabo/fibra Cerca de 30 metros de varandas Janelas e portadas duplas Troco por casa habitável em zona rural com bons acessos. Perca peso diminua medidas e cuide da sua saúde com acompanhamento Ligue 076/ Tel Acordar para viver Sintomas - Dependências (Fumar, Álcool, Drogas, etc.) - Obesidade e excesso de peso - Traumas e vivências menos felizes na infância - Depressão - Dores, alergias, medos, e fobias Nova Homeopatia Terapias integrativas Hipnose / Regressão Terapia focada nas Soluções e Psicopatologias em Transpessoal Terapia Holística EFT - Técnica de desbloqueio Energético Praxis für Lösungsorientierte Therapie e Hypnose Graça Baião Hintere Hauptgasse Zofingen Tel.: Faço a Terapia em português, espanhol e alemão. Dübendorfstrasse 2 CH-8051 Zürich Escola Suiça profissional de Beleza e Business oferecemos cursos em português de excelente nível de qualidade na área de: Cabeleireiro Estética e Depilação Make-up Permanente Visagista makeup artistico Unha Personal Styling Massagens Consultora Nutricional e Dietética Cursos de administração -As qualificações dos nossos professores são internacionais -O conteudo da materia Teorica ou Prática é lecionado no seu idioma materno. Todos nossos cursos são com diploma e certificado -Aula-teste gratuita para a comprovação da nossa qualidade -Esperamos seu contato. Ele é muito importante para nós -Novidade: Curso de Consultora Nutricional / Informática / Liderança / Gestão de Marketing swiss-beauty-academy.ch Facebook: SwissBeautyAcademy swiss-business-university.ch Orkut: Swiss Beauty Academy

AJUDA DE MÃE. APOIO DO FUNDO SOCIAL EUROPEU: Através do Programa Operacional da Região de Lisboa e Vale do Tejo (PORLVT)

AJUDA DE MÃE. APOIO DO FUNDO SOCIAL EUROPEU: Através do Programa Operacional da Região de Lisboa e Vale do Tejo (PORLVT) AJUDA DE MÃE APOIO DO FUNDO SOCIAL EUROPEU: Através do Programa Operacional da Região de Lisboa e Vale do Tejo (PORLVT) Objectivos: Informar, apoiar, encaminhar e acolher a mulher grávida. Ajudar cada

Leia mais

MENSAGEM DE ANO NOVO DE SUA EXCELÊNCIA O PRESIDENTE DA REPÚBLICA

MENSAGEM DE ANO NOVO DE SUA EXCELÊNCIA O PRESIDENTE DA REPÚBLICA MENSAGEM DE ANO NOVO DE SUA EXCELÊNCIA O PRESIDENTE DA REPÚBLICA Palácio de Belém, 1 de Janeiro de 2012 Boa noite, A todos os Portugueses desejo um Bom Ano Novo, feito de paz e de esperança. O ano que

Leia mais

MULHER SOLTEIRA. Marcos O BILAU

MULHER SOLTEIRA. Marcos O BILAU MULHER SOLTEIRA REFRÃO: Ei, quem tá aí Se tem mulher solteira dá um grito que eu quero ouvir Ei, quem tá aí Se tem mulher solteira dá um grito que eu quero ouvir (Essa música foi feita só prás mulheres

Leia mais

I. Complete o texto seguinte com as formas correctas dos verbos ser ou estar. (5 pontos)

I. Complete o texto seguinte com as formas correctas dos verbos ser ou estar. (5 pontos) I. Complete o texto seguinte com as formas correctas dos verbos ser ou estar. Hoje. domingo e o tempo. bom. Por isso nós. todos fora de casa.. a passear à beira-mar.. agradável passar um pouco de tempo

Leia mais

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar MELHORES MOMENTOS Expressão de Louvor Acordar bem cedo e ver o dia a nascer e o mato, molhado, anunciando o cuidado. Sob o brilho intenso como espelho a reluzir. Desvendando o mais profundo abismo, minha

Leia mais

Diálogo de Lama Lhundrup com os pacientes a um Hospital em Brasília (2005)

Diálogo de Lama Lhundrup com os pacientes a um Hospital em Brasília (2005) Diálogo de Lama Lhundrup com os pacientes a um Hospital em Brasília (2005) Lhundrup: Sou um monge budista. Estou muito contente em encontrar vocês. Vocês já encontraram um monge budista antes? Uma paciente:

Leia mais

Dinâmica e Animação de Grupo

Dinâmica e Animação de Grupo Dinâmica e Animação de Grupo Desenvolvimento de Competências Turma G3D Leandro Diogo da Silva Neves 4848 Índice 1. Introdução... 3 2. Planeamento de desenvolvimento individual... 4 2.1 Competências...

Leia mais

Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BA) 70 minutos

Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BA) 70 minutos Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BA) 70 minutos Prova de certificação de nível de proficiência linguística no âmbito do Quadro de Referência para o Ensino Português no Estrangeiro,

Leia mais

Segmentos da Entrevista do Protocolo 5: Alunos do Pré-Escolar

Segmentos da Entrevista do Protocolo 5: Alunos do Pré-Escolar Segmentos da Entrevista do Protocolo 5: Alunos do Pré-Escolar CATEGORIAS OBJECTIVOS ESPECÍFICOS S. C. Sim, porque vou para a beira de um amigo, o Y. P5/E1/UR1 Vou jogar à bola, vou aprender coisas. E,

Leia mais

Mensagem: Fé provada. Por David Keeling.

Mensagem: Fé provada. Por David Keeling. Mensagem: Fé provada. Por David Keeling. Então disse Jesus aos seus discípulos: Se alguém quiser vir após mim, renunciese a si mesmo, tome sobre si a sua cruz, e siga-me; Porque aquele que quiser salvar

Leia mais

Você já teve a experiência de enviar um email e, em pouco tempo, ver pedidos de orçamento e vendas sendo concretizadas?

Você já teve a experiência de enviar um email e, em pouco tempo, ver pedidos de orçamento e vendas sendo concretizadas? 2 Você já teve a experiência de enviar um email e, em pouco tempo, ver pedidos de orçamento e vendas sendo concretizadas? É SOBRE ISSO QUE VOU FALAR NESTE TEXTO. A maioria das empresas e profissionais

Leia mais

coleção Conversas #26 Respostas para algumas perguntas que podem estar passando pela sua cabeça.

coleção Conversas #26 Respostas para algumas perguntas que podem estar passando pela sua cabeça. Saí da prisão volto coleção Conversas #26 - setembro 2015 - e estou ou não desempregado, para o crime? Respostas para algumas perguntas que podem estar passando pela sua cabeça. A Coleção CONVERSAS, da

Leia mais

COMO GERIR A OFICINA EM TEMPOS DE CRISE? e as oficinas têm de se adaptar às novas

COMO GERIR A OFICINA EM TEMPOS DE CRISE? e as oficinas têm de se adaptar às novas COMO GERIR A OFICINA EM TEMPOS DE CRISE? 1 1 Com esta crise, já não há filas à porta das oficinas, nem listas de marcações com vários dias de espera. Era bom, era, mas já foi! Os tempos são de mudança

Leia mais

By Dr. Silvia Hartmann

By Dr. Silvia Hartmann The Emo trance Primer Portuguese By Dr. Silvia Hartmann Dra. Silvia Hartmann escreve: À medida em que nós estamos realizando novas e excitantes pesquisas; estudando aplicações especializadas e partindo

Leia mais

www.jyotimaflak.com Glücks- Akademie mit JyotiMa Flak Academia da felizidade com JyotiMa Flak

www.jyotimaflak.com Glücks- Akademie mit JyotiMa Flak Academia da felizidade com JyotiMa Flak www.jyotimaflak.com Glücks- Akademie mit JyotiMa Flak Academia da felizidade com JyotiMa Flak Entrevista com Ezequiel Quem é você? Meu nome é Ezequiel, sou natural do Rio de Janeiro, tenho 38 anos, fui

Leia mais

Agora não posso atender. Estou no. Vou comprar o último livro do José Luís Peixoto. Posso usar a tua gravata azul? A Ana Maria vai ser nossa

Agora não posso atender. Estou no. Vou comprar o último livro do José Luís Peixoto. Posso usar a tua gravata azul? A Ana Maria vai ser nossa MODELO 1 Compreensão da Leitura e Expressão Escrita Parte 1 Questões 1 20 O Luís enviou cinco mensagens através do telemóvel. Leia as frases 1 a 5. A cada frase corresponde uma mensagem enviada pelo Luís.

Leia mais

Você sabia que... Alguns fatos sobre o meu país

Você sabia que... Alguns fatos sobre o meu país Brasil Você sabia que... A pobreza e a desigualdade causam a fome e a malnutrição. Os alimentos e outros bens e serviços básicos que afetam a segurança dos alimentos, a saúde e a nutrição água potável,

Leia mais

Conhece os teus Direitos. A caminho da tua Casa de Acolhimento. Guia de Acolhimento para Jovens dos 12 aos 18 anos

Conhece os teus Direitos. A caminho da tua Casa de Acolhimento. Guia de Acolhimento para Jovens dos 12 aos 18 anos Conhece os teus Direitos A caminho da tua Casa de Acolhimento Guia de Acolhimento para Jovens dos 12 aos 18 anos Dados Pessoais Nome: Apelido: Morada: Localidade: Código Postal - Telefone: Telemóvel: E

Leia mais

Eu sei o que quero! Eu compro o que quero!

Eu sei o que quero! Eu compro o que quero! Eu sei o que quero! Eu compro o que quero! As pessoas com dificuldades de aprendizagem têm o poder para escolher os seus serviços de apoio. Este folheto está escrito em linguagem fácil. O que é um consumidor?

Leia mais

18 - A surpresa... 175 19 A fuga... 185 20 O atraso... 193 21 Vida sem máscaras... 197 22 - A viagem... 209 23 - A revelação...

18 - A surpresa... 175 19 A fuga... 185 20 O atraso... 193 21 Vida sem máscaras... 197 22 - A viagem... 209 23 - A revelação... Sumário Agradecimentos... 7 Introdução... 9 1 - Um menino fora do seu tempo... 13 2 - O bom atraso e o vestido rosa... 23 3 - O pequeno grande amigo... 35 4 - A vingança... 47 5 - O fim da dor... 55 6

Leia mais

Transcrição de Entrevista nº 5

Transcrição de Entrevista nº 5 Transcrição de Entrevista nº 5 E Entrevistador E5 Entrevistado 5 Sexo Feminino Idade 31 anos Área de Formação Engenharia Electrotécnica e Telecomunicações E - Acredita que a educação de uma criança é diferente

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DO MONTE DA CAPARICA Curso de Educação e Formação de Adultos NS. Tema Princípios de conduta, de igualdade e equidade

ESCOLA SECUNDÁRIA DO MONTE DA CAPARICA Curso de Educação e Formação de Adultos NS. Tema Princípios de conduta, de igualdade e equidade 1 de 5 Princípios de conduta, de igualdade e equidade OBJECTIVO: Assumir condutas adequadas às instituições e aos princípios de lealdade comunitária. Competência e critérios de evidência Reconhecer princípios

Leia mais

PERTO DE TI AUTOR: SILAS SOUZA MAGALHÃES. Tu és meu salvador. Minha rocha eterna. Tu és minha justiça, ó Deus. Tu és Jesus, amado da Minh alma.

PERTO DE TI AUTOR: SILAS SOUZA MAGALHÃES. Tu és meu salvador. Minha rocha eterna. Tu és minha justiça, ó Deus. Tu és Jesus, amado da Minh alma. PERTO DE TI Tu és meu salvador. Minha rocha eterna. Tu és minha justiça, ó Deus. Tu és Jesus, amado da Minh alma. Jesus! Perto de ti, sou mais e mais. Obedeço a tua voz. Pois eu sei que tu és Senhor, o

Leia mais

Diogo Caixeta 6 PASSOS PARA CONSTRUIR UM NEGÓCIO DIGITAL DE SUCESSO! WWW.PALAVRASQUEVENDEM.COM WWW.CONVERSAODIGITAL.COM.BR

Diogo Caixeta 6 PASSOS PARA CONSTRUIR UM NEGÓCIO DIGITAL DE SUCESSO! WWW.PALAVRASQUEVENDEM.COM WWW.CONVERSAODIGITAL.COM.BR Diogo Caixeta 6 PASSOS PARA CONSTRUIR UM NEGÓCIO DIGITAL DE SUCESSO! WWW.PALAVRASQUEVENDEM.COM WWW.CONVERSAODIGITAL.COM.BR INTRODUÇÃO Você está cansado de falsas promessas uma atrás da outra, dizendo

Leia mais

Palestra 1 Mudança Organizacional. Texto base: 10 +1 Mandamentos para ter sucesso em um mundo em constantes mudanças

Palestra 1 Mudança Organizacional. Texto base: 10 +1 Mandamentos para ter sucesso em um mundo em constantes mudanças Palestra 1 Mudança Organizacional Texto base: 10 +1 Mandamentos para ter sucesso em um mundo em constantes mudanças 02 de Dezembro de 2009 10 +1 Mandamentos para ter sucesso em um mundo em constantes mudanças

Leia mais

- Então, pai, há alguma notícia importante nos jornais? - Nada de especial. Há muitas notícias sobre a política nacional e internacional e algumas

- Então, pai, há alguma notícia importante nos jornais? - Nada de especial. Há muitas notícias sobre a política nacional e internacional e algumas - Então, pai, há alguma notícia importante nos jornais? - Nada de especial. Há muitas notícias sobre a política nacional e internacional e algumas curiosidades. Se quiseres, depois deixo-te ler. - Tu sabes

Leia mais

- Pai, temos estado a falar em Cidadania, mas ainda me disseste pouco sobre a origem da palavra e do conceito. Acho que me falaste só na «polis»

- Pai, temos estado a falar em Cidadania, mas ainda me disseste pouco sobre a origem da palavra e do conceito. Acho que me falaste só na «polis» - Pai, temos estado a falar em Cidadania, mas ainda me disseste pouco sobre a origem da palavra e do conceito. Acho que me falaste só na «polis» grega, não foi? - Sim, de facto, a origem mais longínqua

Leia mais

Texto: Zainab Aziz Redacção: Andrea Schmidt/Christine Harjes/Guy Degen Tradução: Maria Kremer

Texto: Zainab Aziz Redacção: Andrea Schmidt/Christine Harjes/Guy Degen Tradução: Maria Kremer LEARNING BY EAR - Aprender de Ouvido As Jovens 8º Episódio Higiene pessoal Texto: Zainab Aziz Redacção: Andrea Schmidt/Christine Harjes/Guy Degen Tradução: Maria Kremer Personagens: [Characters] Ancora:

Leia mais

O Coração Sujo. Tuca Estávamos falando sobre... hm, que cheiro é esse? Tuca Parece cheiro de gambá morto afogado no esgoto.

O Coração Sujo. Tuca Estávamos falando sobre... hm, que cheiro é esse? Tuca Parece cheiro de gambá morto afogado no esgoto. O Coração Sujo Personagens - Tuca - Teco - Tatá - Tia Tuca e Tatá estão conversando. Teco chega. Teco Oi, meninas, sobre o que vocês estão falando? Tuca Estávamos falando sobre... hm, que cheiro é esse?

Leia mais

Assim nasce uma empresa.

Assim nasce uma empresa. Assim nasce uma empresa. Uma história para você que tem, ou pensa em, um dia, ter seu próprio negócio. 1 "Non nobis, Domine, non nobis, sed nomini Tuo da gloriam" (Sl 115,1) 2 Sem o ar Torna-te aquilo

Leia mais

1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar

1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar 1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar nosso amor 4. Porque a gente discute nossos problemas

Leia mais

Depressão e Qualidade de Vida. Dra. Luciene Alves Moreira Marques Doutorado em Psicobiologia pela UNIFESP

Depressão e Qualidade de Vida. Dra. Luciene Alves Moreira Marques Doutorado em Psicobiologia pela UNIFESP Depressão e Qualidade de Vida Dra. Luciene Alves Moreira Marques Doutorado em Psicobiologia pela UNIFESP 1 Percepções de 68 pacientes entrevistadas. 1. Sentimentos em relação à doença Sinto solidão, abandono,

Leia mais

Seminário Inverno demográfico - o problema. Que respostas?, Associação Portuguesa de Famílias Numerosas

Seminário Inverno demográfico - o problema. Que respostas?, Associação Portuguesa de Famílias Numerosas Seminário Inverno demográfico - o problema. Que respostas?, Associação Portuguesa de Famílias Numerosas Painel: Desafio Demográfico na Europa (11h45-13h00) Auditório da Assembleia da República, Lisboa,

Leia mais

017. Segunda-Feira, 05 de Julho de 1997.

017. Segunda-Feira, 05 de Julho de 1997. 017. Segunda-Feira, 05 de Julho de 1997. Acordei hoje como sempre, antes do despertador tocar, já era rotina. Ao levantar pude sentir o peso de meu corpo, parecia uma pedra. Fui andando devagar até o banheiro.

Leia mais

www.rockstarsocial.com.br

www.rockstarsocial.com.br 1 1 Todos os Direitos Reservados 2013 Todas As Fotos Usadas Aqui São Apenas Para Descrição. A Cópia Ou Distribuição Do Contéudo Deste Livro É Totalmente Proibida Sem Autorização Prévia Do Autor. AUTOR

Leia mais

All You Zombies. Baseado no conto original de Robert A. Heinlein, All You Zombies, 1959. Versão Portuguesa, Brasil. Wendel Coelho Mendes

All You Zombies. Baseado no conto original de Robert A. Heinlein, All You Zombies, 1959. Versão Portuguesa, Brasil. Wendel Coelho Mendes All You Zombies Wendel Coelho Mendes Versão Portuguesa, Brasil Baseado no conto original de Robert A. Heinlein, All You Zombies, 1959 Esse conto é minha versão sobre a verdadeira história de All You Zombies,

Leia mais

Junho 2007 nº4 MENSAGEM DO PRESIDENTE Olá Viva A edição da nossa revista O Ambúzio de Junho 2007 é um convite a uma visita às nossas Praia da Barra e da Costa Nova, e um desafio para que continues a participar

Leia mais

Qual o Sentido do Natal?

Qual o Sentido do Natal? Qual o Sentido do Natal? Por Sulamita Ricardo Personagens: José- Maria- Rei1- Rei2- Rei3- Pastor 1- Pastor 2- Pastor 3-1ª Cena Uma música de natal toca Os personagens entram. Primeiro entram José e Maria

Leia mais

Iremos apresentar alguns conselhos para o ajudar a prevenir estes factores de risco e portanto a evitar as doenças

Iremos apresentar alguns conselhos para o ajudar a prevenir estes factores de risco e portanto a evitar as doenças FACTORES DE RISCO Factores de risco de doença cardiovascular são condições cuja presença num dado indivíduo aumentam a possibilidade do seu aparecimento. Os mais importantes são o tabaco, a hipertensão

Leia mais

nova Entrada Principal

nova Entrada Principal nova Entrada Principal Refeitório Salas de Aulas Ginásios Campo Coberto Sala Polivalente Biblioteca Serviços Editorial Estamos em crer não restarem dúvidas aos nossos associados,, que teimosamente continuam

Leia mais

Pronunciamento à nação do Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, na cerimônia de posse Palácio do Planalto, 1º de janeiro de 2007

Pronunciamento à nação do Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, na cerimônia de posse Palácio do Planalto, 1º de janeiro de 2007 Pronunciamento à nação do Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, na cerimônia de posse Palácio do Planalto, 1º de janeiro de 2007 Meus queridos brasileiros e brasileiras, É com muita emoção

Leia mais

Você sabia que... Alguns fatos sobre o meu país

Você sabia que... Alguns fatos sobre o meu país Índia Você sabia que... Todos devemos ajudar as pessoas que não são capazes de prover por si à alimentação adequada. Os cidadãos podem considerar as autoridades responsáveis por aquilo que fazem ou não,

Leia mais

Alta Performance Como ser um profissional ou ter negócios de alta performance

Alta Performance Como ser um profissional ou ter negócios de alta performance Sobre o autor: Meu nome é Rodrigo Marroni. Sou apaixonado por empreendedorismo e vivo desta forma há quase 5 anos. Há mais de 9 anos já possuía negócios paralelos ao meu trabalho e há um pouco mais de

Leia mais

Entrevista A2. 2. Que idade tinhas quando começaste a pertencer a esta associação? R.: 13, 14 anos.

Entrevista A2. 2. Que idade tinhas quando começaste a pertencer a esta associação? R.: 13, 14 anos. Entrevista A2 1. Onde iniciaste o teu percurso na vida associativa? R.: Em Viana, convidaram-me para fazer parte do grupo de teatro, faltava uma pessoa para integrar o elenco. Mas em que associação? Na

Leia mais

Todos nós temos momentos altos, no alto da roda, no cume da montanha. Mas também temos momentos difíceis

Todos nós temos momentos altos, no alto da roda, no cume da montanha. Mas também temos momentos difíceis ta da Autora Olá, Todos nós temos momentos altos, no alto da roda, no cume da montanha. Mas também temos momentos difíceis passados em verdadeiros vales e dias de deserto. Todos os nossos planos se desvanecem

Leia mais

Metodologia. Entrevistas com amostra de usuárias brasileiras de internet via questionário online.

Metodologia. Entrevistas com amostra de usuárias brasileiras de internet via questionário online. Assunto E-commerce Metodologia Entrevistas com amostra de usuárias brasileiras de internet via questionário online. Quantidade de entrevistas realizadas: 1.652 mulheres Perfil: 18 a 50 anos Mercado: Brasil

Leia mais

Lucas Zanella. Collin Carter. & A Civilização Sem Memórias

Lucas Zanella. Collin Carter. & A Civilização Sem Memórias Lucas Zanella Collin Carter & A Civilização Sem Memórias Sumário O primeiro aviso...5 Se você pensa que esse livro é uma obra de ficção como outra qualquer, você está enganado, isso não é uma ficção. Não

Leia mais

sobre pressão alta Dr. Decio Mion

sobre pressão alta Dr. Decio Mion sobre pressão alta Dr. Decio Mion 1 2 Saiba tudo sobre pressão alta Dr. Decio Mion Chefe da Unidade de Hipertensão do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (HC-FMUSP)

Leia mais

O que é a Junior Achievement 4. O que é a Junior Achievement Portugal 4. Bem-vindo ao programa Braço Direito, Um dia no teu Futuro!

O que é a Junior Achievement 4. O que é a Junior Achievement Portugal 4. Bem-vindo ao programa Braço Direito, Um dia no teu Futuro! GUIA DO ALUNO O que é a Junior Achievement 4 O que é a Junior Achievement Portugal 4 Números totais da JAP desde 2005 4 Bem-vindo ao programa Braço Direito, Um dia no teu Futuro! 5 Que benefícios oferece

Leia mais

Vamos mudar o mundo? Mais esta mudança deve começar por você!

Vamos mudar o mundo? Mais esta mudança deve começar por você! Vamos mudar o mundo? Mais esta mudança deve começar por você! Este Livro Digital (Ebook) é fruto de uma observação que eu faço no mínimo há dez anos nas Redes Sociais, e até pessoalmente na convivência

Leia mais

5 DICAS PARA REINVENTAR O SEU. e a si mesma!

5 DICAS PARA REINVENTAR O SEU. e a si mesma! 5 DICAS PARA REINVENTAR O SEU GUARDA-ROUPA e a si mesma! E S T I L O É A SUA ALMA V I S T A P E L O lado de fora. I N T R O D U Ç Ã O Qual é a mulher nesse mundo QUE NUNCA RECLAMOU EM FRENTE AO ESPELHO

Leia mais

Aqui chegados, estamos certos de que o leitor destas linhas consegue rever-se a si ou à sua colectividade neste retrato genérico!!!!

Aqui chegados, estamos certos de que o leitor destas linhas consegue rever-se a si ou à sua colectividade neste retrato genérico!!!! Filarmónica Portuguesa de Paris Todos quantos acompanham de perto o fenómeno filarmónico, sejam músicos, dirigentes ou simples apreciadores das nossas bandas, sabem como é difícil criar, manter e gerir

Leia mais

Belo reparo. capítulo um. No Japão, eles têm o kintsugi a arte de remendar porcelanas. Hoje Nova York Apartamento de Cassandra Taylor

Belo reparo. capítulo um. No Japão, eles têm o kintsugi a arte de remendar porcelanas. Hoje Nova York Apartamento de Cassandra Taylor capítulo um Belo reparo Hoje Nova York Apartamento de Cassandra Taylor No Japão, eles têm o kintsugi a arte de remendar porcelanas preciosas com ouro. O resultado é uma peça que nitidamente foi quebrada,

Leia mais

- GUIA DO EMPRESÁRIO - Proatividade Uma questão de escolha

- GUIA DO EMPRESÁRIO - Proatividade Uma questão de escolha - GUIA DO EMPRESÁRIO - Proatividade Uma questão de escolha Planeta Contábil 2008 Todos os Direitos Reservados (www.planetacontabil.com.br) 1/7 Proatividade Uma questão de escolha Você chega sempre atrasado

Leia mais

Titulo - VENENO. Ext Capital de São Paulo Noite (Avista-se a cidade de cima, forrada de prédios, algumas luzes ainda acesas).

Titulo - VENENO. Ext Capital de São Paulo Noite (Avista-se a cidade de cima, forrada de prédios, algumas luzes ainda acesas). Titulo - VENENO Ext Capital de São Paulo Noite (Avista-se a cidade de cima, forrada de prédios, algumas luzes ainda acesas). Corta para dentro de um apartamento (O apartamento é bem mobiliado. Estofados

Leia mais

CD: Ao Sentir. Alencastro e Patrícia. 1- Ao Sentir Jairinho. Ao sentir o mundo ao meu redor. Nada vi que pudesse ser real

CD: Ao Sentir. Alencastro e Patrícia. 1- Ao Sentir Jairinho. Ao sentir o mundo ao meu redor. Nada vi que pudesse ser real Alencastro e Patrícia CD: Ao Sentir 1- Ao Sentir Jairinho Ao sentir o mundo ao meu redor Nada vi que pudesse ser real Percebi que todos buscam paz porém em vão Pois naquilo que procuram, não há solução,

Leia mais

COMPROMISSO COM O FUTURO

COMPROMISSO COM O FUTURO Editora Artecétera apresenta: COMPROMISSO COM O FUTURO Papel Reciclado com a Família Qualidade Família Qualidade em: toda forma de vida no planeta obedece às leis naturais, agindo no meio ambiente e sendo

Leia mais

Apoio. Patrocínio Institucional

Apoio. Patrocínio Institucional Patrocínio Institucional Parceria Apoio InfoReggae - Edição 83 Papo Reto com José Junior 12 de junho de 2015 O Grupo AfroReggae é uma organização que luta pela transformação social e, através da cultura

Leia mais

Concurso Literário. O amor

Concurso Literário. O amor Concurso Literário O Amor foi o tema do Concurso Literário da Escola Nova do segundo semestre. Durante o período do Concurso, o tema foi discutido em sala e trabalhado principalmente nas aulas de Língua

Leia mais

O LIVRO SOLIDÁRIO. Texto: Letícia Soares Ilustração: Hildegardis Bunda Turma 9º A

O LIVRO SOLIDÁRIO. Texto: Letícia Soares Ilustração: Hildegardis Bunda Turma 9º A O LIVRO SOLIDÁRIO Texto: Letícia Soares Ilustração: Hildegardis Bunda Turma 9º A 1 Era uma vez um rapaz que se chamava Mau-Duar, que vivia com os pais numa aldeia isolada no Distrito de Viqueque, que fica

Leia mais

A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa.

A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa. Encontro com a Palavra Agosto/2011 Mês de setembro, mês da Bíblia 1 encontro Nosso Deus se revela Leitura Bíblica: Gn. 12, 1-4 A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa. Boas

Leia mais

Flavia Mariano. Equilíbrio. a vida não faz acordos. 1ª Edição POD

Flavia Mariano. Equilíbrio. a vida não faz acordos. 1ª Edição POD Flavia Mariano Equilíbrio a vida não faz acordos 1ª Edição POD Petrópolis KBR 2011 Edição e revisão KBR Editoração APED Capa KBR Imagem da capa fotomontagem sobre arquivo Google Copyright 2011 Flavia Mariano

Leia mais

Em algum lugar de mim

Em algum lugar de mim Em algum lugar de mim (Drama em ato único) Autor: Mailson Soares A - Eu vi um homem... C - Homem? Que homem? A - Um viajante... C - Ele te viu? A - Não, ia muito longe! B - Do que vocês estão falando?

Leia mais

VALORES CULTURAIS (INDÍGENAS) KAINGANG

VALORES CULTURAIS (INDÍGENAS) KAINGANG VALORES CULTURAIS (INDÍGENAS) KAINGANG Um cacique kaingang, meu amigo, me escreveu pedindo sugestões para desenvolver, no Dia do Índio, o seguinte tema em uma palestra: "Os Valores Culturais da Etnia Kaingáng".

Leia mais

MEU TIO MATOU UM CARA

MEU TIO MATOU UM CARA MEU TIO MATOU UM CARA M eu tio matou um cara. Pelo menos foi isso que ele disse. Eu estava assistindo televisão, um programa idiota em que umas garotas muito gostosas ficavam dançando. O interfone tocou.

Leia mais

A Palavra de Deus. - É na Palavra de Deus que o homem encontra o conhecimento a respeito da Vida, de onde viemos e onde vamos viver a eternidade.

A Palavra de Deus. - É na Palavra de Deus que o homem encontra o conhecimento a respeito da Vida, de onde viemos e onde vamos viver a eternidade. A Palavra de Deus 2 Timóteo 3:16-17 Pois toda a Escritura Sagrada é inspirada por Deus e é útil para ensinar a verdade, condenar o erro, corrigir as faltas e ensinar a maneira certa de viver. 17 E isso

Leia mais

Vai ao encontro! de quem mais precisa!

Vai ao encontro! de quem mais precisa! Vai ao encontro! 2ª feira, 05 de outubro: Dos mais pobres Bom dia meus amigos Este mês vamos tentar perceber como podemos ajudar os outros. Vocês já ouviram falar das muitas pessoas que estão a fugir dos

Leia mais

A Identidade da Igreja do Senhor Jesus

A Identidade da Igreja do Senhor Jesus A Identidade da Igreja do Senhor Jesus Atos 20:19-27 (Ap. Paulo) Fiz o meu trabalho como Servo do Senhor, com toda a humildade e com lágrimas. E isso apesar dos tempos difíceis que tive, por causa dos

Leia mais

Quem Desiste num momento de crise é porque realmente é um fraco!

Quem Desiste num momento de crise é porque realmente é um fraco! Paixão do Povo de Cristo x Paixão de Cristo Texto Base: provérbios 24.10 na Linguagem de Hoje: Quem é fraco numa crise, é realmente fraco. Na Bíblia A Mensagem : Quem Desiste num momento de crise é porque

Leia mais

0 21 anos: Fase do amadurecimento biológico 21 42 anos: Fase do amadurecimento psicológico mais de 42 anos: Fase do amadurecimento espiritual

0 21 anos: Fase do amadurecimento biológico 21 42 anos: Fase do amadurecimento psicológico mais de 42 anos: Fase do amadurecimento espiritual Por: Rosana Rodrigues Quando comecei a escrever esse artigo, inevitavelmente fiz uma viagem ao meu passado. Lembrei-me do meu processo de escolha de carreira e me dei conta de que minha trajetória foi

Leia mais

Prefeito de São Bernardo do Campo: Hoje tem um show no Cedesc, às 18 horas (incompreensível).

Prefeito de São Bernardo do Campo: Hoje tem um show no Cedesc, às 18 horas (incompreensível). , Luiz Inácio Lula da Silva, durante a inauguração da República Terapêutica e do Consultório de Rua para Dependentes Químicos e outras ações relacionadas ao Plano Integrado de Enfrentamento ao Crack São

Leia mais

Anexo A. Organização do edifício de Creche

Anexo A. Organização do edifício de Creche Anexo A. Organização do edifício de Creche Rés-do-chão: Berçário Copa do leite Sala de atividades Refeitório para crianças Casa de banho para crianças Casa de banho para adultos Refeitório para adultos

Leia mais

Este template é muito diferente e muito, mas muito especial!

Este template é muito diferente e muito, mas muito especial! Esta é nossa última sequência! Este template é muito diferente e muito, mas muito especial! Quero que você olhe para ele com olhos de águia e reflita, e muito, se ele realmente serve para o seu produto

Leia mais

Tenho um filho. Já tive um marido. Tenho agora um filho

Tenho um filho. Já tive um marido. Tenho agora um filho o príncipe lá de casa Tenho um filho. Já tive um marido. Tenho agora um filho e talvez queira outra vez um marido. Mas quando se tem um filho e já se teve um marido, um homem não nos serve exatamente para

Leia mais

R E L A T Ó R I O D E E S T Á G I O

R E L A T Ó R I O D E E S T Á G I O INSTITUTO POLITÉCNICO DA GUARDA ESCOLA SUPERIOR DE EDUCAÇÃO COMUNICAÇÃO E DESPORTO R E L A T Ó R I O D E E S T Á G I O RICARDO JORGE MARCELO ALMEIDA RELATÓRIO PARA A OBTENÇÃO DO DIPLOMA DE ESPECIALIZAÇÃO

Leia mais

FUGA de Beatriz Berbert

FUGA de Beatriz Berbert FUGA de Beatriz Berbert Copyright Beatriz Berbert Todos os direitos reservados juventudecabofrio@gmail.com Os 13 Filmes 1 FUGA FADE IN: CENA 1 PISCINA DO CONDOMÍNIO ENTARDECER Menina caminha sobre a borda

Leia mais

Já imaginou a monotonia da vida e dos negócios sem as cores?

Já imaginou a monotonia da vida e dos negócios sem as cores? AS CORES E OS NEGÓCIOS Já imaginou a monotonia da vida e dos negócios sem as cores? Conhecer o significado das cores, na vida e nos negócios, aumenta as suas possibilidades de êxito. Aproveite. Sabia,

Leia mais

Escola de Português Verão de 2015 Ano 13 Nível 2 Exercícios Semana 1 Parte 2 Revisão Verbos irregulares no pretérito perfeito do indicativo:

Escola de Português Verão de 2015 Ano 13 Nível 2 Exercícios Semana 1 Parte 2 Revisão Verbos irregulares no pretérito perfeito do indicativo: Escola de Português Verão de 2015 Ano 13 Nível 2 Exercícios Semana 1 Parte 2 Revisão Verbos irregulares no pretérito perfeito do indicativo: 1) Complete as frases abaixo com o pretérito perfeito dos seguintes

Leia mais

Português Língua Estrangeira Teste (50 horas)

Português Língua Estrangeira Teste (50 horas) Português Língua Estrangeira Teste (50 horas) Nome: Data: A Importa-se de responder a umas perguntas? Está bem. Obrigado. 1 Como é que se chama? 2 O que é que faz? 3 Vive aqui agora? 4 Há quanto tempo

Leia mais

Chantilly, 17 de outubro de 2020.

Chantilly, 17 de outubro de 2020. Chantilly, 17 de outubro de 2020. Capítulo 1. Há algo de errado acontecendo nos arredores dessa pequena cidade francesa. Avilly foi completamente afetada. É estranho descrever a situação, pois não encontro

Leia mais

SERVIÇO DE PSICOLOGIA E ORIENTAÇÃO

SERVIÇO DE PSICOLOGIA E ORIENTAÇÃO SERVIÇO DE PSICOLOGIA E ORIENTAÇÃO ORIENTAÇÃO ESCOLAR E VOCACIONAL A conclusão do 9.º ano de escolaridade, reveste-se de muitas dúvidas e incertezas, nomeadamente na escolha de uma área de estudos ou num

Leia mais

a seguir? 1 Gosto de sair de Portu- no final dos projectos, mas sempre com \gal os telemóveis ligados, porque se surgir uma proposta volto

a seguir? 1 Gosto de sair de Portu- no final dos projectos, mas sempre com \gal os telemóveis ligados, porque se surgir uma proposta volto a 'Gracinha' na novela 'Anjo Meu' (TVI). Sendo uma personagem cómica, sente que tem conquistado o público? Pela primeira vez sinto que há Interpreta mesmo um grande carinho do público, porque a 'Gracinha'

Leia mais

Enquanto há vida, há sexualidade! Perspectivas dos profissionais de saúde quanto à comunicação sobre sexualidade em cuidados paliativos

Enquanto há vida, há sexualidade! Perspectivas dos profissionais de saúde quanto à comunicação sobre sexualidade em cuidados paliativos Enquanto há vida, há sexualidade! Perspectivas dos profissionais de saúde quanto à comunicação sobre sexualidade em cuidados paliativos Entrevista de Estudo E06 Sexo Masculino Profissão - Médico Data 6

Leia mais

Teresa Barata. Tratar de Mim

Teresa Barata. Tratar de Mim Tratar de Mim Guia de boas práticas para viver melhor tratar-de-mim_3as.indd 5 13/05/15 15:49 Índice Introdução............................................. 9 Por que procuramos ser saudáveis?........................

Leia mais

Tudo que você precisa saber a respeito de Deus está esta escrito no Salmo 23. Tudo que você precisa saber a teu respeito está escrito no Salmo 23.

Tudo que você precisa saber a respeito de Deus está esta escrito no Salmo 23. Tudo que você precisa saber a teu respeito está escrito no Salmo 23. Tema: DEUS CUIDA DE MIM. Texto: Salmos 23:1-6 Introdução: Eu estava pesando, Deus um salmo tão poderoso até quem não está nem ai prá Deus conhece uns dos versículos, mas poderosos da bíblia e o Salmo 23,

Leia mais

1. COMPLETE OS QUADROS COM OS VERBOS IRREGULARES NO PRETÉRITO PERFEITO DO INDICATIVO E DEPOIS COMPLETE AS FRASES:

1. COMPLETE OS QUADROS COM OS VERBOS IRREGULARES NO PRETÉRITO PERFEITO DO INDICATIVO E DEPOIS COMPLETE AS FRASES: Atividades gerais: Verbos irregulares no - ver na página 33 as conjugações dos verbos e completar os quadros com os verbos - fazer o exercício 1 Entrega via e-mail: quarta-feira 8 de julho Verbos irregulares

Leia mais

101 desculpas para dar aos clientes

101 desculpas para dar aos clientes 101 desculpas para dar aos clientes Crystiano C. Alves Pequeno DEDICATÓRIA Agradeço primeiramente à DEUS; minha mãe; meus irmãos e familiares; meu amor; meus amigos, em especial à Gleice Flora que sempre

Leia mais

PEDRO PINTO: "A IDEIA DE QUE É TUDO FÁCIL PARA OS PROFISSIONAIS ESTÁ BASTANTE ENVIESADA"

PEDRO PINTO: A IDEIA DE QUE É TUDO FÁCIL PARA OS PROFISSIONAIS ESTÁ BASTANTE ENVIESADA PEDRO PINTO: "A IDEIA DE QUE É TUDO FÁCIL PARA OS PROFISSIONAIS ESTÁ BASTANTE ENVIESADA" 25 março 2014 Share on twittershare on facebookshare on emailshare on printmore Sharing Services0 Pedro

Leia mais

NOS@EUROPE. O Desafio da Recuperação Económica e Financeira. Prova de Texto. Nome da Equipa GMR2012

NOS@EUROPE. O Desafio da Recuperação Económica e Financeira. Prova de Texto. Nome da Equipa GMR2012 NOS@EUROPE O Desafio da Recuperação Económica e Financeira Prova de Texto Nome da Equipa GMR2012 Alexandre Sousa Diogo Vicente José Silva Diana Almeida Dezembro de 2011 1 A crise vista pelos nossos avós

Leia mais

O Ponto entrevista Letícia Odorizi, aprovada em 1º lugar para ATRFB!

O Ponto entrevista Letícia Odorizi, aprovada em 1º lugar para ATRFB! O Ponto entrevista Letícia Odorizi, aprovada em 1º lugar para ATRFB! A história da Letícia Odorizi, aprovada em 1º lugar para Analista Tributário da Receita Federal do Brasil, é mais uma das histórias

Leia mais

MENSAGEM DOS PRESIDENTES MASTER 2015

MENSAGEM DOS PRESIDENTES MASTER 2015 MENSAGEM DOS PRESIDENTES MASTER 2015 RL: Rodrigo Luna CB: Claudio Bernardes CB Senhoras e senhores. Sejam bem-vindos à solenidade de entrega do Master Imobiliário. É uma honra poder saudar nossos convidados

Leia mais

CARTA EUROPEIA DO DESPORTO

CARTA EUROPEIA DO DESPORTO CARTA EUROPEIA DO DESPORTO Objectivo da Carta... 3 Definição e âmbito de aplicação da Carta... 3 O movimento desportivo... 4 Instalações e actividades... 4 Lançar as bases... 4 Desenvolver a participação...

Leia mais

HINÁRIO O APURO. Francisco Grangeiro Filho. Tema 2012: Flora Brasileira Araucária

HINÁRIO O APURO. Francisco Grangeiro Filho. Tema 2012: Flora Brasileira Araucária HINÁRIO O APURO Tema 2012: Flora Brasileira Araucária Francisco Grangeiro Filho 1 www.hinarios.org 2 01 PRECISA SE TRABALHAR Marcha Precisa se trabalhar Para todos aprender A virgem mãe me disse Que é

Leia mais

U m h o m e m q u e v i v e u c o m o e x e m p l o r e a l d e t u d o a q u i l o q u e t r a n s m i t i u e m s u a s m e n s a g e n s...

U m h o m e m q u e v i v e u c o m o e x e m p l o r e a l d e t u d o a q u i l o q u e t r a n s m i t i u e m s u a s m e n s a g e n s... U m h o m e m q u e v i v e u c o m o e x e m p l o r e a l d e t u d o a q u i l o q u e t r a n s m i t i u e m s u a s m e n s a g e n s... Aqui não estão as mensagens mediúnicas, mas algumas palavras

Leia mais

Danilo Nascimento Fundador do Segredos de Concurso www.segredosdeconcurso.com.br

Danilo Nascimento Fundador do Segredos de Concurso www.segredosdeconcurso.com.br Olá, concurseiro! É um grande prazer poder lhe dar algumas dicas básicas a respeito da sua preparação para um Concurso Público. Sei que esse é um grande sonho, e ter a oportunidade de colaborar com a construção

Leia mais

MAS ESSE ANO MEU BEM, TÁ COMBINADO, NÓS VAMOS BRINCAR SEPARADOS COMO SE COMPORTAM OS CASAIS CARIOCAS NO CARNAVAL

MAS ESSE ANO MEU BEM, TÁ COMBINADO, NÓS VAMOS BRINCAR SEPARADOS COMO SE COMPORTAM OS CASAIS CARIOCAS NO CARNAVAL MAS ESSE ANO MEU BEM, TÁ COMBINADO, NÓS VAMOS BRINCAR SEPARADOS COMO SE COMPORTAM OS CASAIS CARIOCAS NO CARNAVAL ENQUETE MAS ESSE ANO MEU BEM, TÁ COMBINADO, NÓS VAMOS BRINCAR SEPARADOS COMO SE COMPORTAM

Leia mais

De mãos dadas: RH e marketing

De mãos dadas: RH e marketing De mãos dadas: RH e marketing A união de RH e marketing é um dos melhores caminhos para a sobrevivência de uma empresa - e das próprias áreas Não é incomum, em tempos de turbulência e incertezas econômicas,

Leia mais

Introdução Conselhos para educadores

Introdução Conselhos para educadores Introdução Conselhos para educadores INTRODUÇÃO A utilização da Internet constitui um desafio para a educação dos nossos filhos e dos nossos alunos. Acontece muito frequentemente que os deixamos a navegar

Leia mais

Midas. Toque de. [entrevista]

Midas. Toque de. [entrevista] [entrevista] Toque de Midas Tem 29 anos, nasceu no Porto e é apostador profissional. Pelo menos, para o Estado inglês onde está colectado, porque para as finanças nacionais não passa de um indivíduo com

Leia mais

Declaração Universal dos Direitos Humanos

Declaração Universal dos Direitos Humanos Declaração Universal dos Direitos Humanos Preâmbulo Considerando que o reconhecimento da dignidade inerente a todos os membros da família humana e dos seus direitos iguais e inalienáveis constitui o fundamento

Leia mais