Os materiais de proteção térmica devem apresentar:

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Os materiais de proteção térmica devem apresentar:"

Transcrição

1

2 Os materiais de proteção térmica devem apresentar: Elevado calor específico Reduzida condutividade térmica Garantia de integridade durante a evolução do incêndio Resistência mecânica adequada Custo viável

3 Aço:

4 Produtos Utilizados na Proteção Contra Fogo: Argamassa Projetada Fibra Projetada Placas Tintas Intumescentes

5 Argamassa Projetada Apresentada em produto de baixa, média e alta densidade. Constituída basicamente de gesso (aproximadamente 80% do peso seco), cimento Portland (em materiais de média e alta densidade), resinas acrílicas e cargas inertes, tais como poliestireno expandido, celulose e preservantes. Obras internas Obras internas, com requisitos de resistência ao impacto e umidade Baixa densidade Média densidade Obras externas Alta densidade

6 Geralmente não necessitam, para sua aplicação, da retirada da carepa de laminação e de alguma ferrugem formada. Antes da projeção, faz-se uma limpeza manual, retirando-se o material solto sobre a superfície. Para aplicações em interiores, onde o aço será enclausurado em um ambiente controlado, a utilização de um primer é, de modo geral, desnecessária. Exceções são as áreas de alta umidade, como piscinas, lavanderias, cozinhas, etc.. Nestas, é recomendado o uso de primers para a proteção contra a corrosão.

7 Aços não pintados apresentam a melhor condição de aderência dos materiais, dispensando a utilização de elementos de ancoragem, salvo peças de excessiva altura. Nestas, a utilização de algum tipo de ancoragem mecânica pode ser necessária, como por exemplo, a utilização de telas de fixação. Quando a temperatura ambiente atinge 90ºC 150ºC, as ligações químicas existentes no gesso hidratado começam a se romper, liberando água de hidratação. A proteção se dá devido a fatores também relacionados com a massa do produto e seu índice de vazios. Esta reação absorve a energia do fogo, que seria conduzida ao aço.

8 Argamassa Projetada à Base de Vermiculita É produto de baixa densidade, composto basicamente de vermiculita expandida, cimento Portland e aglomerados minerais. Este material deve ser completamente isento de amianto, e, para melhorar sua aderência ao aço, costuma ser necessária a utilização de telas.

9

10

11

12 Argamassa Projetada: Vantagem: Menor preço de matéria prima Desvantagem: 30 dias para secagem Dificuldade na pintura Operação demorada, com muita sujeira e mão-de-obra onerosa Superfície rugosa

13 Fibra Projetada: Produto de baixa e média densidades; Principal ingrediente: fibra de rocha basáltica misturadas com escória de alto-forno; De baixa densidade (240 kg/m3) e indicadas para usos interiores e exteriores, podendo permanecer expostas ou não. Apresenta uma condutividade térmica de 0,061 W/mºC para 100ºC e calor específico de 2093 J/kgºC para 96ºC.

14

15 Fibra Projetada: Vantagem: Menor custo Desvantagem: Resulta em superfície rugosa Pouco estética

16 Placas: Placas de Gesso Acartonado São placas de gesso contendo fibra de vidro e, em alguns casos vermiculita incorporada. Placas de Lã de Rocha São painéis de baixa densidade, rígidos ou flexíveis, feitos de materiais fibrosos, aglomerados pela adição de resinas termoendurecíveis. Mantas cerâmicas Produtos formados a partir de fibras silicoaluminosas, presas à estrutura através da utilização de pinos de aço soldados na estrutura.

17 Placas: Vantagem: Econômica para superfícies planas Desvantagem: Necessita de pinos soldados na estrutura Aplicação lenta Espessuras de 20 a 50 mm

18 Enclausuramento em concreto Este solução proporciona proteção ao aço frente à corrosão e incêndio ao mesmo tempo. Algum reforço é adicionado ao sistema, na forma de vergalhões, para manter o concreto no local durante o evento do incêndio. Esta solução tem sido empregada no Japão, mas, devido ao custo mais elevado do que outras formas de proteção, não é muito difundida.

19 Tintas Intumescentes:

20 Tintas Intumescentes: São tintas especiais que se expandem a partir de 200ºC; Formam uma espuma rígida que isolam os gases quentes gerados no incêndio do aço; São compostas de sais de fósforo, de amidos, de melamina e resinas orgânicas. Primer epoxídico, acrílico ou alquídico Tinta intumescente Tinta de acabamento acrílica ou poliuretânica

21

22

23 Tintas Intumescentes: Vantagem: Fácil aplicação com rolos, pincéis ou spray Aplicação rápida e limpa Permite aspecto harmonioso Desvantagem: Preço elevado

Proteção de Estruturas Metálicas Frente ao Fogo

Proteção de Estruturas Metálicas Frente ao Fogo Proteção de Estruturas Metálicas Frente ao Fogo Introdução Fabio Domingos Pannoni, M.Sc., Ph.D. [1] Os projetos estruturais que tratam da resistência ao fogo são baseados no fato de que as altas temperaturas

Leia mais

Sistemas para paredes

Sistemas para paredes Sistemas para paredes Wall Tech Descrição geral Aplicações Integra-se perfeitamente aos sistemas de pisos em MMA, formando um sistema monolítico único. Ideal para ambientes internos, é aplicável diretamente

Leia mais

ARGAMASSAS E CONCRETOS AGLOMERANTES

ARGAMASSAS E CONCRETOS AGLOMERANTES ARGAMASSAS E CONCRETOS AGLOMERANTES DEFINIÇÃO São materiais ligantes, em geral pulverulentos, que promovem a união entre os grãos de agregados. Estes materiais sofrem transformações químicas, por isso

Leia mais

Pintura de Acabamento PVC-Alquídica para revestimentos intumescentes

Pintura de Acabamento PVC-Alquídica para revestimentos intumescentes Ficha do Produto Edição 24/03/2014 Identificação 02 06 04 00 001 0 000015 Sika Unitherm - Top S Pintura de Acabamento PVC-Alquídica para revestimentos intumescentes Descrição do Produto Sika Unitherm -Top

Leia mais

ELEMENTOS CONSTITUINTES DO CONCRETO

ELEMENTOS CONSTITUINTES DO CONCRETO ELEMENTOS CONSTITUINTES DO CONCRETO O concreto, de emprego usual nas estruturas, são constituídos de quatro materiais: 1. Cimento Portland 2. Água 3. Agregado fino 4. Agregado graúdo O cimento e a água

Leia mais

MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO CIVIL

MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO CIVIL MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO CIVIL Concreto translúcido M.Sc. Arq. Elena M. D. Oliveira Concreto Translúcido Uma empresa húngara desenvolveu um tipo de concreto que, misturado a uma pequena porcentagem de fibras

Leia mais

Universidade de Pernambuco Escola Politécnica de Pernambuco DISCIPLINA. Construção Civil II

Universidade de Pernambuco Escola Politécnica de Pernambuco DISCIPLINA. Construção Civil II Curso: Engenharia Civil Universidade de Pernambuco Escola Politécnica de Pernambuco DISCIPLINA Construção Civil II Aula 07 Pinturas Prof. Dr. Alberto Casado Lordsleem Jr. Sumário Aula 07 Pinturas Funções

Leia mais

Proteção. das Estruturas de Aço. Fabio Domingos Pannoni, Ph.D. Consultor Técnico GLB

Proteção. das Estruturas de Aço. Fabio Domingos Pannoni, Ph.D. Consultor Técnico GLB Proteção das Estruturas de Aço Fabio Domingos Pannoni, Ph.D. Consultor Técnico GLB Aço? Abundante Propriedades Produção simples Experiência prévia de uso Reciclável Corrosão é um processo espontâneo

Leia mais

8/2/2011 AGLOMERANTES. Definição: Exemplos: Aglomerantes. Nomenclatura. Relação Pega x Endurecimento. Propriedades. Argila Gesso Cal Cimento Betume

8/2/2011 AGLOMERANTES. Definição: Exemplos: Aglomerantes. Nomenclatura. Relação Pega x Endurecimento. Propriedades. Argila Gesso Cal Cimento Betume Definição: AGLOMERANTES Aglomerantes são materiais ativos, geralmente pulverulentos, que entram na composição das pastas, argamassas e concretos. Nomenclatura Exemplos: Aglomerantes Aglomerantes = materiais

Leia mais

também de acordo com o Sistema Métrico Internacional e conforme exigência da norma ABNT

também de acordo com o Sistema Métrico Internacional e conforme exigência da norma ABNT STEEL FRAME O Steel Frame é uma alternativa já consolidada e amplamente usada há dezenas de anos em países desenvolvidos. Ao contrário das estruturas convencionais de construção, são usados perfis de aço

Leia mais

Oque é? Conjunto estabelecido pela associação da tinta de acabamento a respectivas massas e fundos, através de ferramentas/utensílios específicos.

Oque é? Conjunto estabelecido pela associação da tinta de acabamento a respectivas massas e fundos, através de ferramentas/utensílios específicos. Sistemas de pintura Oque é? Conjunto estabelecido pela associação da tinta de acabamento a respectivas massas e fundos, através de ferramentas/utensílios específicos. Sua aplicação resulta em uma película

Leia mais

BIANCO. Misturar antes de usar. Adicionar BIANCO à água de amassamento na diluição indicada

BIANCO. Misturar antes de usar. Adicionar BIANCO à água de amassamento na diluição indicada Produto BIANCO é uma resina sintética, de alto desempenho, que proporciona excelente aderência das argamassas aos mais diversos substratos. Confere maior plasticidade, aumenta a impermeabilidade e evita

Leia mais

Ficha Técnica de Produto Super Manta Líquida Código: SML001

Ficha Técnica de Produto Super Manta Líquida Código: SML001 1. Descrição: A é um impermeabilizante super elástico e flexível, aplicado a frio em forma de pintura e formulado à base de polímeros especiais acrílicos com alto teor de sólidos Forma uma película impermeabilizante,

Leia mais

Materiais. Conceitos para acústica arquitetônica. Marcelo Portela LVA/UFSC

Materiais. Conceitos para acústica arquitetônica. Marcelo Portela LVA/UFSC Materiais Acústicos Conceitos para acústica arquitetônica Marcelo Portela LVA/UFSC LEMBRANDO... ISOLAMENTO ACÚSTICO Capacidade de certos materiais formarem uma barreira, impedindo que a onda sonora passe

Leia mais

Emcekrete EP Graute Epóxi de Alto Desempenho. Eng.º João Marcos Coutinho Jan 2015

Emcekrete EP Graute Epóxi de Alto Desempenho. Eng.º João Marcos Coutinho Jan 2015 Emcekrete EP Graute Epóxi de Alto Desempenho. Eng.º João Marcos Coutinho Jan 2015 Sumário 1. Onde é usado e porque 2. Principais Características 3. Principais Benefícios 4. Aplicação / cases 5. MC-Bauchemie

Leia mais

Construção. Pintura Intumescente a base de agua, para uso interno em estruturas de aço. Descrição do Produto. Dados do Produto. Forma.

Construção. Pintura Intumescente a base de agua, para uso interno em estruturas de aço. Descrição do Produto. Dados do Produto. Forma. Ficha do Produto Edição 25/03/2014 Identificação 02 06 04 00 003 0 000029 Sika Unitherm Steel W30 Pintura Intumescente a base de agua, para uso interno em estruturas de aço Descrição do Produto Sika Unitherm

Leia mais

Cimento Portland Fabricação Composição química Propriedades

Cimento Portland Fabricação Composição química Propriedades Cimento Portland Fabricação Composição química Propriedades É um aglomerante hidráulico obtido pela moagem do clínquer Portland com adições de gesso e, eventualmente, escória básica de alto-forno, pozolana

Leia mais

ISOLAMENTO DE TELHADOS COM ESPUMA DE POLIURETANO

ISOLAMENTO DE TELHADOS COM ESPUMA DE POLIURETANO ISOLAMENTO DE TELHADOS COM ESPUMA DE POLIURETANO A Aplitek desenvolveu no Brasil uma tecnologia para recuperação e isolamento de telhados, esta extraordinária solução teve sucesso no mundo nos últimos

Leia mais

Faculdade Sudoeste Paulista Curso de Engenharia Civil Técnicas da Construção Civil

Faculdade Sudoeste Paulista Curso de Engenharia Civil Técnicas da Construção Civil AULA 11 CONTRAPISOS O contrapiso é uma camada de argamassa executada sobre uma base, que pode ser a laje de um pavimento ou um lastro de concreto, se for sobre o solo. Sua função é regularizar a superfície

Leia mais

CIMENTOS ESPECIAIS. Cimento Supersulfatado. Constituição. Finura: m 2 /kg. Deteriora-se rapidamente em ambientes humidos.

CIMENTOS ESPECIAIS. Cimento Supersulfatado. Constituição. Finura: m 2 /kg. Deteriora-se rapidamente em ambientes humidos. LIGANTES HIDRÓFILOS CIMENTOS CIMENTOS ESPECIAIS Cimento Supersulfatado Constituição Finura: 400-500m 2 /kg Deteriora-se rapidamente em ambientes humidos Características 1 LIGANTES HIDRÓFILOS CIMENTOS CIMENTOS

Leia mais

Primer Surfacer EP II

Primer Surfacer EP II Produto de dois componentes, com boa adesão e resistência a corrosão para ser usado em todos os substratos dentro da repintura automotiva. Para uso em novos painéis e em trabalhos de reparo. Aplicação

Leia mais

Soluções de reabilitação de paredes/fachadas com desempenho térmico melhorado. Luís Silva Coimbra, 31 de Julho 2014

Soluções de reabilitação de paredes/fachadas com desempenho térmico melhorado. Luís Silva Coimbra, 31 de Julho 2014 Soluções de reabilitação de paredes/fachadas com desempenho térmico melhorado Luís Silva Coimbra, 31 de Julho 2014 Introdução As exigências da reabilitação na relação com o existente A compatibilidade

Leia mais

SISTEMA DE ISOLAMENTO TÉRMICO PELO EXTERIOR

SISTEMA DE ISOLAMENTO TÉRMICO PELO EXTERIOR SISTEMA DE ISOLAMENTO TÉRMICO PELO EXTERIOR Características Sistema de isolamento térmico pelo exterior é um sistema de isolamento de paredes pelo exterior de edifícios existentes e construção nova, composto

Leia mais

5. Limitações: A argamassa 1201 Matrix Assentamento de Vedação e Encunhamento não deve ser utilizada para assentamento de blocos silico-calcário.

5. Limitações: A argamassa 1201 Matrix Assentamento de Vedação e Encunhamento não deve ser utilizada para assentamento de blocos silico-calcário. 1. Descrição: A argamassa 1201 Matrix Assentamento de Vedação e Encunhamento é indicado para o assentamento de blocos para alvenaria de vedação e fixação de alvenarias (blocos de concreto, cerâmicos, e

Leia mais

Design de Móveis. Chapas de madeira processada

Design de Móveis. Chapas de madeira processada Design de Móveis Chapas de madeira processada O que são chapas de madeira processada? São chapas formadas por madeira em formatos diferenciados (lâminas, fibras, partículas, etc.), processadas industrialmente

Leia mais

Revestimentos de Argamassa Conceitos P R O M O Ç Ã O

Revestimentos de Argamassa Conceitos P R O M O Ç Ã O Revestimentos de Argamassa Conceitos P R O M O Ç Ã O TECNOLOGIA DA ARGAMASSA Conceitos Sistema de Revestimento de Argamassa Desempenho do sistema Materiais Constituintes Dosagem Escolha do Sistema de Revestimento

Leia mais

Normas ABNT em Consulta Pública, Publicadas, Confirmadas ou Canceladas 18 de Outubro à 04 de Novembro de2016

Normas ABNT em Consulta Pública, Publicadas, Confirmadas ou Canceladas 18 de Outubro à 04 de Novembro de2016 em, Publicadas, Confirmadas ou Canceladas ABNT/CEE-185 ABNT NBR 16569 _ Parede e laje de concreto celular estrutural moldada no local para a construção de edificações Projeto, execução e controle Requisitos

Leia mais

PAINÉIS ISOTÉRMICOS ISOJOINT

PAINÉIS ISOTÉRMICOS ISOJOINT GANHANDO TEMPO PARA VOCÊ 100% BRASIL PAINÉIS ISOTÉRMICOS ISOJOINT Painéis ISOJOINT WALL PUR Construção civil Os Painéis ISOJOINT WALL PUR são constituídos de núcleo de PUR (poliuretano) ou PIR (Poliisocianurato)

Leia mais

Algarve. Armação de Péra Tendências de decoração 2017 Estilo moderno decoraçao para interiores

Algarve. Armação de Péra Tendências de decoração 2017 Estilo moderno decoraçao para interiores Tendências de decoração 2017 Estilo moderno decoraçao para interiores Revestimento de perede 3D Placas decorativas de gesso 3D Negocio produzido e confeccionado em familia. Somos uma empresa com uma motivação

Leia mais

AGLOMERANTES. FMC Profª Bárbara Silvéria

AGLOMERANTES. FMC Profª Bárbara Silvéria AGLOMERANTES FMC Profª Bárbara Silvéria Aglomerantes Definição Aglomerante é o material ativo, ligante, em geral pulverulento, cuja principal função é formar uma pasta que promove a união entre os grãos

Leia mais

Pintura 100% Sólidos ST BOLETIM TÉCNICO. Pintura 100%

Pintura 100% Sólidos ST BOLETIM TÉCNICO. Pintura 100% BOLETIM TÉCNICO Pintura 100% Sólidos ST DESCRIÇÃO DO PRODUTO A Pintura 100% Sólidos ST é um sistema de pintura epóxi, 100% sólidos, bi-componente, formulado para proporcionar, através de uma película protetora

Leia mais

SAC 0800-VEDACIT DEMAIS DEPARTAMENTOS (11) DE SEGUNDA A SEXTA DAS 8H ÀS 17H45

SAC 0800-VEDACIT DEMAIS DEPARTAMENTOS (11) DE SEGUNDA A SEXTA DAS 8H ÀS 17H45 Produto VEDAFIX é um adesivo e selador de base acrílica, compatível com cimento e cal. Tem ação adesiva, o que aglutina as partículas do cimento e dos agregados, proporcionando melhor trabalhabilidade

Leia mais

Texsalastic. Impermeabilização Eficaz. EN e EN ARGAMASSA IMPERMEÁVEL E FLEXÍVEL BICOMPONENTE. De acordo com:

Texsalastic. Impermeabilização Eficaz. EN e EN ARGAMASSA IMPERMEÁVEL E FLEXÍVEL BICOMPONENTE. De acordo com: Texsalastic ARGAMASSA IMPERMEÁVEL E FLEXÍVEL BICOMPONENTE Impermeabilização Eficaz De acordo com: EN 1504-9 e EN 1504- ama TEXSALASTIC é uma argamassa impermeável e flexível bicomponente. É composto por

Leia mais

PINTURA & ACABAMENTOS

PINTURA & ACABAMENTOS PINTURA & ACABAMENTOS 01/05/2005 Pag.: 1 de 12 LEGENDA TXE-123 PIE-100 primer anti-corrosivo epoxi primer de aderência - epoxi isocianato PAE-200 primer selador epoxi de alta espessura SELADORA VLU-400

Leia mais

BT 0023 BOLETIM TÉCNICO RESINA HEC 010_ENDURECEDOR HEH

BT 0023 BOLETIM TÉCNICO RESINA HEC 010_ENDURECEDOR HEH BT 0023 BOLETIM TÉCNICO RESINA HEC 010_ENDURECEDOR HEH 2000 Elaborador: Verificadores: Aprovador: Resina HEC 010_Endurecedor HEH 2000 Resina epóxi para laminação

Leia mais

Colagem de Cerâmicos e Rochas Ornamentais Enquadramento normativo - Marcação CE

Colagem de Cerâmicos e Rochas Ornamentais Enquadramento normativo - Marcação CE Colagem de Cerâmicos e Rochas Ornamentais Enquadramento normativo - Marcação CE Workshop AICCOPN, Porto,13/03/2014 Baio Dias baiodias@ctcv.pt Diretor Adjunto Técnico 1 Enquadramento Normativo Normas aplicáveis

Leia mais

Disciplina: Projeto de Ferramentais I

Disciplina: Projeto de Ferramentais I Aula 04: Processos de Fundição em Moldes Metálicos por Gravidade (Coquilhas) 01: Introdução - Características do processo - Etapas envolvidas. - Fatores econômicos e tecnológicos - Ligas empregadas 02:

Leia mais

REPERSIL XN PRODUTO: www.rejuntabras.com.br

REPERSIL XN PRODUTO: www.rejuntabras.com.br INDICAÇÕES: Eficiente na restauração e preservação de monumentos históricos. Pode ser usado como primer para tinta imobiliária em paredes, fachadas e telhas. COMO UTILIZAR MELHOR O SEU PRODUTO: Ao hidrofugar

Leia mais

NORMAS BRASILEIRAS PARA AR CONDICIONADO E REFRIGERAÇÃO

NORMAS BRASILEIRAS PARA AR CONDICIONADO E REFRIGERAÇÃO NORMAS BRASILEIRAS PARA AR CONDICIONADO E REFRIGERAÇÃO ESTAS NORMAS SÃO PRODUZIDAS E REVISADAS POR (ABNT) ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS, ATRAVÉS DO COMITÊ BRASILEIRO Nº55 (CB 55) COM SEDE NA

Leia mais

FICHA TÉCNICA. Isolamento Térmico de fachadas pelo exterior. nº 17. Nº Pág.s: Fevereiro 2007

FICHA TÉCNICA. Isolamento Térmico de fachadas pelo exterior. nº 17. Nº Pág.s: Fevereiro 2007 nº 17 FICHA TÉCNICA Isolamento Térmico de fachadas pelo exterior Nº Pág.s: 07 17 12 Fevereiro 2007 Isolamento Térmico de fachadas pelo exterior 01 Para responder às crescentes exigências de conforto higrotérmico,

Leia mais

Construção. Sika Unitherm -Steel S interior Pintura intumescente base solvente, de rápida secagem, para uso em áreas internas. Descrição do Produto

Construção. Sika Unitherm -Steel S interior Pintura intumescente base solvente, de rápida secagem, para uso em áreas internas. Descrição do Produto Ficha do Produto Edição 21/03/2014 Identificação 02 06 04 00 003 0 000029 Sika Unitherm -Steel S interior Pintura intumescente base solvente, de rápida secagem, para uso em áreas internas Descrição do

Leia mais

FICHA TÉCNICA Nº5. AGLOMERADO NEGRO ( ou AGLOMERADO PURO EXPANDIDO) AN STANDARD

FICHA TÉCNICA Nº5. AGLOMERADO NEGRO ( ou AGLOMERADO PURO EXPANDIDO) AN STANDARD FICHA TÉCNICA Nº5 AGLOMERADO NEGRO ( ou AGLOMERADO PURO EXPANDIDO) Referências: AN STANDARD Para Isolamento Térmico Regranulados Calibre 2 / 9 e 4,5 / 15 mm Nota: Por encomenda, fabricam-se ainda outros

Leia mais

COMPOUND ADESIVO GEL

COMPOUND ADESIVO GEL Produto COMPOUND ADESIVO GEL é um adesivo estrutural de base epóxi que apresenta altíssimas resistências em baixas idades, alta fluidez, possibilitando a aplicação até mesmo em locais de difícil acesso.

Leia mais

5. PROPRIEDADES. O que são propriedades? Você conhece alguma propriedade dos vidro?

5. PROPRIEDADES. O que são propriedades? Você conhece alguma propriedade dos vidro? 5. PROPRIEDADES O que são propriedades? Você conhece alguma propriedade dos vidro? As propriedades intrínsecas e essenciais do vidro são transparência e durabilidade. Outras propriedades tornam-se significantes

Leia mais

COMPOUND ADESIVO. -colagem de concreto, ferro, madeira, azulejo, cerâmica, pedra, fibrocimento, vidro e plásticos; -reparos em concreto;

COMPOUND ADESIVO. -colagem de concreto, ferro, madeira, azulejo, cerâmica, pedra, fibrocimento, vidro e plásticos; -reparos em concreto; Produto COMPOUND ADESIVO é um adesivo estrutural de base epóxi que apresenta altas resistências em baixas idades, média fluidez, possibilitando grande facilidade para manuseio. Proporciona alto rendimento

Leia mais

E STEEL FRAME. Prof. Roberto Monteiro de Barros Filho. jan. 2014

E STEEL FRAME. Prof. Roberto Monteiro de Barros Filho. jan. 2014 PRODUTOS DE GESSO SISTEMA DRY WALL E STEEL FRAME jan. 2014 GESSO O gesso é uma substância, normalmente vendida na forma de um pó branco, produzida a partir do mineral gipsita, composto basicamente de sulfato

Leia mais

MOLDAGEM DE CASCA SHELL MOLDING. Prof. César Augusto Agurto Lescano, PhD.

MOLDAGEM DE CASCA SHELL MOLDING. Prof. César Augusto Agurto Lescano, PhD. MOLDAGEM DE CASCA SHELL MOLDING Prof. César Augusto Agurto Lescano, PhD. VANTAGENS E DESVANTAGENS DA MOLDAGEM EM AREIA Vantagens 1. A moldagem por areia verde é o mais barato dentre todos os métodos de

Leia mais

Processo de Fabricação: CORTE A LASER E CORTE A ÁGUA

Processo de Fabricação: CORTE A LASER E CORTE A ÁGUA Processo de Fabricação: CORTE A LASER E CORTE A ÁGUA CORTE A LASER O que é o Laser? Amplificação da luz por emissão estimulada de radiação. É um sistema que produz um feixe de luz coerente e concentrado

Leia mais

tratamento de juntas invisíveis

tratamento de juntas invisíveis tratamento de juntas invisíveis massa cimentícia BrasiMassa materiais necessários Massa cimentícia BrasiMassa. Fibatape AR (álcali-resistente) 5 cm de largura. Fibatape AR (álcali-resistente) 10 cm de

Leia mais

PAINÉIS DE FIBRAS DE MADEIRA

PAINÉIS DE FIBRAS DE MADEIRA PAINÉIS DE FIBRAS DE MADEIRA Prof. Setsuo Iwakiri UFPR INTRODUÇÃO HISTÓRICO > 1914: Primeira fábrica > painéis fibras isolantes > processo úmido 1930: Primeira fábrica > painéis fibras duras > processo

Leia mais

Disciplina: Materiais de Construção I Assunto: Argamassas no estado seco e fresco Prof. Ederaldo Azevedo Aula 6 e-mail: ederaldoazevedo@yahoo.com.br 1.1 Conceitos Básicos: Argamassa é um material composto,

Leia mais

Hemisfério Produtos Técnicos

Hemisfério Produtos Técnicos 1/6 SISTEMA HEMISFÉRIO PARA LAJES Pressão Positiva Campo de Aplicação: lajes de qualquer dimensão, rampas de acesso, rampas de garagem, corredores, marquises, pisos térreos sobre garagens, coberturas.

Leia mais

METAIS, AÇOS E PROCESSOS SIDERÚRGICOS

METAIS, AÇOS E PROCESSOS SIDERÚRGICOS METAIS, AÇOS E PROCESSOS SIDERÚRGICOS METAIS Podem ser moldados; São dúcteis (deformam antes de romper); Bons condutores de energia elétrica e calor. OBTENÇÃO DOS METAIS OBTENÇÃO DOS METAIS OBTENÇÃO DOS

Leia mais

Éttore Home Decor - São paulo/sp. Instalação: Éttore. Knauf Folheto Técnico. Knauf Flexboard Porque a mente criativa gera mais que linhas retas.

Éttore Home Decor - São paulo/sp. Instalação: Éttore. Knauf Folheto Técnico. Knauf Flexboard Porque a mente criativa gera mais que linhas retas. Éttore Home Decor - São paulo/sp Knauf Folheto Técnico 02 / 2017 Knauf Flexboard Porque a mente criativa gera mais que linhas retas. Knauf Flexboard Flexboard é a mais delgada chapa Knauf Drywall, desenvolvida

Leia mais

Tintas Minerais a base Silicatos

Tintas Minerais a base Silicatos Tintas Minerais a base Silicatos Atualmente a busca por produtos ecologicamente corretos vem ganhando espaço em todos os setores da economia, as empresas passam por mudanças para minimizar os impactos

Leia mais

Aglomerantes DESCRIÇÃO DO PRODUTO CAMPOS DE APLICAÇÃO QUALIDADE

Aglomerantes DESCRIÇÃO DO PRODUTO CAMPOS DE APLICAÇÃO QUALIDADE Kehl Ind e Com Ltda ME R. Italo Paino, 700 / Jd. Industrial - São Carlos SP CEP 13564-610 Tel/Fax: (16) 3361-2122 kehl@kehl.ind.br - www.kehl.ind.br Aglomerantes DESCRIÇÃO DO PRODUTO Os aglomerantes da

Leia mais

Desempenho térmico. Paredes e Coberturas

Desempenho térmico. Paredes e Coberturas Desempenho térmico Paredes e Coberturas ECV 5161: Desempenho térmico de Edificações Engenharia Civil Prof. Roberto Lamberts (elaborado por Juliana Batista) Transferência de calor T1 > T2 q T1 T2 T1 = T2

Leia mais

FERRAMENTAS FERRAMENTAS E ACESSÓRIOS E ACESSÓRIOS.

FERRAMENTAS FERRAMENTAS E ACESSÓRIOS E ACESSÓRIOS. FERRAMENTAS FERRAMENTAS E ACESSÓRIOS E ACESSÓRIOS _1 RASPADOR PARA REBOCO E MONOMASSA 46051 Raspador para reboco/monomassa 15x25cm 20 peças RASPADOR DE ALUMÍNIO PARA GESSO 460ALL 15 peças TALOCHA EM AÇO

Leia mais

FICHA TÉCNICA DO PRODUTO

FICHA TÉCNICA DO PRODUTO FICHA TÉCNICA DO PRODUTO TOPECA, Lda Rua do Mosqueiro 2490 115 Cercal Ourém PORTUGAL Tel.: 00 351 249 580 070 Fax.: 00 351 249 580 079 geral@ topeca. pt www.topeca.pt topeca floor in Pág. 2 liso ou anti

Leia mais

Soldagem por ultra-som

Soldagem por ultra-som Soldagem por ultra-som Genealogia Princípio - Esforços Aplicações De Plásticos: freqüências entre 20 e 70 khz; os materiais têm que ter pontos de fusão equivalentes. vibrações mecânicas introduzidas verticalmente;

Leia mais

SAC 0800-VEDACIT DEMAIS DEPARTAMENTOS (11) DE SEGUNDA A SEXTA DAS 8H ÀS 17H45

SAC 0800-VEDACIT DEMAIS DEPARTAMENTOS (11) DE SEGUNDA A SEXTA DAS 8H ÀS 17H45 Produto VEDACIL ACQUA é um verniz à base de resina acrílica dispersa em água. É indicado para proteção de estruturas e, após a cura, forma um filme transparente, impermeável, de fácil limpeza, de boa resistência

Leia mais

Laminação manual ( hand-lay-up) Filament Winding RTM Etc.

Laminação manual ( hand-lay-up) Filament Winding RTM Etc. Advanced Materials DCE- Design & Composites Engineering REN LAM Resina epóxi, de baixa viscosidade, de cura a temperatura ambiente e a calor, utilizada para a fabricação de Compósites, seje ele laminado

Leia mais

Guia Prático de Instalação Completo Forros Minerais OWA. Revisão: 2

Guia Prático de Instalação Completo Forros Minerais OWA. Revisão: 2 Guia Prático de Instalação Completo Forros Minerais OWA Revisão: 2 Guia Prático de Instalação Forros Minerais OWA Cuidados Iniciais Cuidados iniciais: SEMPRE manter as mãos limpas para manusear os forros

Leia mais

Marcação CE em colas para construção. Saint-Gobain Weber Cimenfix César Correia

Marcação CE em colas para construção. Saint-Gobain Weber Cimenfix César Correia Marcação CE em colas para construção Saint-Gobain Weber Cimenfix César Correia Conforme Requisitos Essenciais Resistência mecânica e estabilidade Segurança em caso de incêndio Higiene, saúde e ambiente

Leia mais

A obrigatoriedade da marcação CE

A obrigatoriedade da marcação CE Adesivos cimentícios e a EN 12004: A obrigatoriedade da marcação CE Rogério Tomás, Cimentos Cola, Lda. Concreta 2004 1 Adesivos cimentícios, o que são? Argamassas para a colagem de peças cerâmicas, pedra

Leia mais

ARGAMASSA ESTRUTURAL 251 F

ARGAMASSA ESTRUTURAL 251 F Produto ARGAMASSA ESTRUTURAL 251 F é uma argamassa bicomponente à base de cimento, polímeros acrílicos e fibras sintéticas que, depois da mistura, resulta numa argamassa coesa, tixotrópica e de fácil moldagem.

Leia mais

Concreto de Alto Desempenho

Concreto de Alto Desempenho Programa de Pós-Graduação em Engenharia Urbana Universidade Estadual de Maringá Centro de Tecnologia Departamento de Engenharia Civil Concretos Especiais Concreto de Alto Desempenho Material de alta resistência

Leia mais

CERÂMICAS: definições e classificação

CERÂMICAS: definições e classificação CERÂMICAS: definições e classificação 7/3/2017 DEFINIÇÕES Cerâmica compreende todos os materiais inorgânicos, não metálicos, obtidos geralmente após tratamento térmico em temperaturas elevadas. Cerâmicas

Leia mais

MANTA LÍQUIDA ACRÍLICA CIMENTÍCIA, FLEXÍVEL, BI-COMPONENTE

MANTA LÍQUIDA ACRÍLICA CIMENTÍCIA, FLEXÍVEL, BI-COMPONENTE MANTA LÍQUIDA ACRÍLICA CIMENTÍCIA, FLEXÍVEL, BI-COMPONENTE Polímero acrílico em emulsão aquosa PROPRIEDADES DA ARGAMASSA CERTIFICAÇÕES: Forte aderência Excelente impermeabilidade Resistente a variações

Leia mais

DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL ÁREA DE CONSTRUÇÃO

DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL ÁREA DE CONSTRUÇÃO DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL ÁREA DE CONSTRUÇÃO 1. Para determinar a porosidade aberta de uma pedra calcária, utilizou-se um provete com as dimensões de 7.1 7.1 7.1 cm 3. Determinou-se a massa no estado

Leia mais

RELAÇÃO DE ITENS - PREGÃO ELETRÔNICO Nº 00045/

RELAÇÃO DE ITENS - PREGÃO ELETRÔNICO Nº 00045/ 22202 - EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISA AGROPECUARIA 135011 - EMBRAPA/CNPA RELAÇÃO DE ITENS - PREGÃO ELETRÔNICO Nº 00045/2012-000 1 - Itens da Licitação 1 - CIMENTO PORTLAND CIMENTO PORTLAND, MATERIAL CLINKER,

Leia mais

SELANTES ADESIVOS FIXAÇÃO FERRAMENTAS

SELANTES ADESIVOS FIXAÇÃO FERRAMENTAS w w w.i i e s a. com.br SELANTES ADESIVOS FIXAÇÃO FERRAMENTAS baixe o APP tenha um canal prático e rápido de atendimento ACESSE PELAS PLATAFORMAS: GOOGLE PLAY ou APP STORE (11) 99286.0203 facebook.com/

Leia mais

EPS para Indústrias. Produtos e Aplicações. Projetos especiais. Sua melhor opção em EPS

EPS para Indústrias. Produtos e Aplicações. Projetos especiais. Sua melhor opção em EPS Sua melhor opção em EPS Produtos e Aplicações EPS para Indústrias Projetos especiais Pensando em todo o seu processo produtivo e em atender às suas mais particulares necessidades, o Grupo Isorecort possui

Leia mais

Desempenho Térmico de edificações

Desempenho Térmico de edificações Desempenho Térmico de edificações PROFESSOR Roberto Lamberts ALEJANDRO NARANJO Unidade deportiva Atanasio Girardot - Medellín ECV 5161 UFSC FLORIANÓPOLIS estrutura introdução isolantes cálculos exemplos

Leia mais

TELA PARA AMARRAÇÃO DE ALVENARIA TELAS ELETROSSOLDADAS TELA EXPANDIDA TELAS E ARAMES CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS INSTRUÇÕES DE APLICAÇÃO

TELA PARA AMARRAÇÃO DE ALVENARIA TELAS ELETROSSOLDADAS TELA EXPANDIDA TELAS E ARAMES CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS INSTRUÇÕES DE APLICAÇÃO 67 TELAS E S TELA PARA AMARRAÇÃO DE ALVENARIA São telas metálicas produzidas em aço zincado a fogo, utilizadas na união da alvenaria com a estrutura e entre alvenarias a fim de evitar o surgimento de fissuras

Leia mais

PAINÉIS ISOTÉRMICOS ISOJOINT 100% BRASIL

PAINÉIS ISOTÉRMICOS ISOJOINT 100% BRASIL GANHANDO TEMPO PARA VOCÊ 100% BRASIL PAINÉIS ISOTÉRMICOS ISOJOINT PA MATRIZ: ANÁPOLIS - GO MT GO UNIDADES FABRIS PR MATRÍZ: GO - 62 4015-12 FILIAIS: PA - 91 3711-2720 MT - 65 3692-4611 PR - 41 3525-5300

Leia mais

Diretrizes de Projeto de Revestimento de Fachadas com Argamassa

Diretrizes de Projeto de Revestimento de Fachadas com Argamassa Diretrizes de Projeto de Revestimento de Fachadas com Argamassa 6. Procedimento de Execução Elaboração Estruturas de Concreto e Revestimentos de Argamassa 92 Instruções para a contratação de mão-de-obra

Leia mais

MONTAGE MONTAGE MONTAGE AGARRE IMEDIATO TRANSPARENTE PROFISSIONAL

MONTAGE MONTAGE MONTAGE AGARRE IMEDIATO TRANSPARENTE PROFISSIONAL MONTAGE MONTAGE MONTAGE AGARRE IMEDIATO TRANSPARENTE PROFISSIONAL MONTAGE AGARRE IMEDIATO FIXE CARGAS PESADAS NO INTERIOR OU EXTERIOR INTERIOR E EXTERIOR REFORÇADO COM FIBRAS MATERIAIS POROSOS EXTERIOR

Leia mais

Paredes Fichas de Aplicação

Paredes Fichas de Aplicação Fichas de Aplicação e Revestimento Painel Perfurado Painel Sandwich Consulte o Dossier Técnico Viroc disponível em www.viroc.pt, na página de Downloads. Outros Suplementos de Soluções Recomendadas Viroc

Leia mais

LUIZA. Execução do Revestimento de Fachada de Argamassa. Santos / SP. Universidade Santa Cecília Santos / SP. Universidade Santa Cecília Santos / SP

LUIZA. Execução do Revestimento de Fachada de Argamassa. Santos / SP. Universidade Santa Cecília Santos / SP. Universidade Santa Cecília Santos / SP Execução do Revestimento de Fachada de Argamassa Aluno(s): Lucio Vinicius Andrade Carlini Luiza Pautz Aguiar Professor : Damin Santos / SP LUIZA 1 Revestimento Função Proteger os elementos da vedação e

Leia mais

VEDATOP FLEX. Características do componente B Densidade: 1,03 g/cm³ Aparência: líquido de cor branca Composição básica: polímeros acrílicos

VEDATOP FLEX. Características do componente B Densidade: 1,03 g/cm³ Aparência: líquido de cor branca Composição básica: polímeros acrílicos Produto é uma argamassa polimérica, flexível, de base acrílica, com alta aderência e impermeabilidade. Adere perfeitamente a concreto, alvenaria e argamassa, acompanhando eventuais movimentações. Por isso,

Leia mais

Materiais de Construção Civil. Aula 06. Aglomerantes e Cal

Materiais de Construção Civil. Aula 06. Aglomerantes e Cal Materiais de Construção Civil Aula 06 Aglomerantes e Cal Taciana Nunes Arquiteta e Urbanista Definição Aglomerante é o material ativo, ligante, cuja principal função é formar uma pasta que promove a união

Leia mais

TECNOLOGIA INOVADORA PARA PROJETOS INTELIGENTES

TECNOLOGIA INOVADORA PARA PROJETOS INTELIGENTES TECNOLOGIA INOVADORA PARA PROJETOS INTELIGENTES A linha de Soluções Construtivas Eternit foi pensada para facilitar o desempenho do projeto na prática, para agregar qualidade e proporcionar um resultado

Leia mais

Técnicas de Construção Civil 3 Revestimento Interno e Externo

Técnicas de Construção Civil 3 Revestimento Interno e Externo Curso Técnico em Edificações Disciplina Técnicas de Construção Civil 3 Revestimento Interno e Externo Docente: Profa. Priscila B. Alves TCCC3 O que é? Pra que serve? Quais os tipos? Introdução Nada mais

Leia mais

Substrato Lixamento Desengraxar

Substrato Lixamento Desengraxar DELFLEET 350 SISTEMA DE PRODUTOS DELFLEET 350 Cores Delfleet 350 (Binder ) Catalisador Delfleet MS F361 Catalisador Delfleet MS Rápido, F362 Acelerador Delfleet, F381 Diluente Lento Delfleet, F371 Diluente

Leia mais

MACTRA 2000 é uma emulsão solúvel em água com propriedades de impermeabilizar concreto e argamassas por hidrofugação do sistema capilar.

MACTRA 2000 é uma emulsão solúvel em água com propriedades de impermeabilizar concreto e argamassas por hidrofugação do sistema capilar. Data da última revisão: 01/2010 DEFINIÇÃO MACTRA 2000 é uma emulsão solúvel em água com propriedades de impermeabilizar concreto e argamassas por hidrofugação do sistema capilar. MACTRA 2000 é um aditivo

Leia mais

Professor: Eng Civil Diego Medeiros Weber.

Professor: Eng Civil Diego Medeiros Weber. Professor: Eng Civil Diego Medeiros Weber. PATOLOGIA DAS ESTRUTURAS, PISOS DE CONCRETO E DOS REVESTIMENTOS. CONSTRUÇÃO CIVIL PATOLOGIA DAS ESTRUTURAS CONSTRUÇÃO CIVIL PATOLOGIA "A patologia na construção

Leia mais

POSSIBILIDADES DE APROVEITAMENTO

POSSIBILIDADES DE APROVEITAMENTO POSSIBILIDADES DE APROVEITAMENTO Energia Solar Energia térmica A baixa temperatura (até 100 o C) A média temperatura (até 1000 o C) Aquecimento de ambientes aquecimento de água Condicionamento de ar refrigeração

Leia mais

Boletim Técnico. Cores Branca. Textura Lisa e Acabamento Fosco.

Boletim Técnico. Cores Branca. Textura Lisa e Acabamento Fosco. Boletim Técnico Produto Multimassa Tapa-Tudo Descrição Multimassa Tapa-Tudo é um produto inovador e de alta tecnologia que preenche e nivela imperfeições dos mais diversos tipos de superfícies. Possibilita

Leia mais

Sumário. 1 Concreto como um Material Estrutural 1. 2 Cimento 8

Sumário. 1 Concreto como um Material Estrutural 1. 2 Cimento 8 Sumário 1 Concreto como um Material Estrutural 1 O que é o concreto? 2 O bom concreto 3 Materiais compósitos 4 Papel das interfaces 5 Forma de abordagem do estudo do concreto 6 2 Cimento 8 Produção do

Leia mais

Argamassas mistas. Prof. M.Sc. Ricardo Ferreira

Argamassas mistas. Prof. M.Sc. Ricardo Ferreira Argamassas mistas Prof. M.Sc. Ricardo Ferreira Argamassas mistas de cimento, cal e areia destinadas ao uso em alvenarias e revestimentos Prof. M.Sc. Ricardo Ferreira Fonte: NBR 7200:1998 NBR 13529:2013

Leia mais

PREPARAÇÃO DA SUPERFICIE

PREPARAÇÃO DA SUPERFICIE GUIA TÉCNICO Oliveira & Câmara Tintas e Vernizes LTDA Tintas Aquarela CNPJ: 06.839.838/0001-50 End. BR 304, Km 301, Distrito Industrial, Macaíba/RN. www.tintasaquarela.com 1 SUMÁRIO DEFINIÇÃO ---------------------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

ARGAMASSA ESTRUTURAL 250

ARGAMASSA ESTRUTURAL 250 Produto ARGAMASSA ESTRUTURAL 250 é uma argamassa bicomponente à base de cimento e polímeros acrílicos que, depois da mistura, resulta numa argamassa coesa, tixotrópica e de fácil moldagem. O produto apresenta

Leia mais

Hemisfério Produtos Técnicos

Hemisfério Produtos Técnicos 1/5 SISTEMA HEMISFÉRIO PARA CALHAS Campo de Aplicação: Calhas de alvenaria ou concreto, de qualquer dimensão, com ou sem juntas de dilatação. CUIDADOS PRÉVIOS CAIMENTO DA CALHA: As calhas devem apresentar

Leia mais

GALÃO 18 LITROS GALÃO 18 LITROS

GALÃO 18 LITROS GALÃO 18 LITROS MAPA FORMAÇÃO DE PREÇO - PREGÃO 014/2017 OBJETO: Eventual Aquisição de Tintas para o Instituto Federal Catarinense - Campus Camboriú. ITEM DESCRIÇÃO UNIDADE QTDADE 1 Tinta Látex Acrílica para Parede; Cor

Leia mais

FICHA TÉCNICA DO PRODUTO

FICHA TÉCNICA DO PRODUTO FICHA TÉCNICA DO PRODUTO TOPECA, Lda Rua do Mosqueiro 2490 115 Cercal Ourém PORTUGAL Tel.: 00 351 249 580 070 Fax.: 00 351 249 580 079 geral@topeca.pt www.topeca.pt rebetop color Pág. 2 utilização Revestimento

Leia mais

Soluções Inteligentes em Isolações Térmicas

Soluções Inteligentes em Isolações Térmicas Para a Indústria. Para a Construção Civil. Para sua Empresa. Soluções Inteligentes em Isolações Térmicas www.polycalha.com.br Soluções Inteligentes em Isolações Térmicas Soluções em isolamento térmico.

Leia mais

Ficha Técnica de Produto Biomassa Bloco de Vidro Código: BV001

Ficha Técnica de Produto Biomassa Bloco de Vidro Código: BV001 1. Descrição: A Argamassa é mais uma argamassa inovadora, de alta tecnologia e desempenho, que apresenta vantagens econômicas e sustentáveis para o assentamento de blocos de vidro em sistemas de vedação

Leia mais

DEFEITOS DE FUNDIÇÃO AREIA VERDE RSCP/LABATS/DEMEC/UFPR/2017

DEFEITOS DE FUNDIÇÃO AREIA VERDE RSCP/LABATS/DEMEC/UFPR/2017 DEFEITOS DE FUNDIÇÃO AREIA VERDE RSCP/LABATS/DEMEC/UFPR/2017 DEFEITOS DE MOLDAGEM Inclusão de areia Causas:.erosão (lavagem).explosão (reação de oxidação).escamas.rabo-de-rato.quebra de cantos do molde..fechamento

Leia mais

Intermediação de Negócios

Intermediação de Negócios Intermediação de Negócios Catálogo 2016 A BAGÉ Serviços Administrativos LTDA é uma empresa intermediadora de negócios no setor de Construção Civil, tendo em seu portfólio os seguintes produtos: Vergalhões

Leia mais