Oque é? Conjunto estabelecido pela associação da tinta de acabamento a respectivas massas e fundos, através de ferramentas/utensílios específicos.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Oque é? Conjunto estabelecido pela associação da tinta de acabamento a respectivas massas e fundos, através de ferramentas/utensílios específicos."

Transcrição

1 Sistemas de pintura Oque é? Conjunto estabelecido pela associação da tinta de acabamento a respectivas massas e fundos, através de ferramentas/utensílios específicos. Sua aplicação resulta em uma película aderente, de baixa espessura, (<0,5 mm), com função protetora e decorativa. Sistemas de pintura conjunto de todas as camadas que compõem a pintura final fundo substrato massa tinta + Aplicados por ferramentas e equipamentos específicos

2 Sistemas de pintura: funções Proteção do substrato revestimentos de argamassa: protege contra esfarelament umidade e bolores madeira: reduz absorção de umidade metais ferrosos: retarda a corrosão alvenaria aparente: melhora a estanqueidade Decorativa desde os tempos pré-históricos meio de introduzir a cor e, depois, texturas nas edificações seus ambientes Sistemas de pintura: constituintes Fundo ou Primer : Produto destinado à primeira demão sobre a superfície, desempenhando o papel de uma ponte entre o substrato e tinta de acabamento.

3 Fundo ou `Primer funções: preparam a base para receber a tinta diminuem e uniformizam a absorção isolam a tinta do substrato (quimicamente) otimizam a aderência diminuem consumo de tinta de acabamento protegem quimicamente contra corrosão dos metais Sistemas de pintura: constituintes Massa (corrida): Produto pastoso, com a função de corrigir irregularidades da superfície já selada, proporciona superfície lisa. deve secar, ser lixada e ter o pó eliminado com pano úmido, antes do acabamento exigem nova aplicação de fundos

4 Sistemas de pintura: constituintes Tinta: composição líquida e viscosa, constituída de minúsculas partículas sólidas em suspensão que, após aplicada, sofre um processo de secagem ou cura e se converte em película fina, sólida, aderente e flexível Sistemas de pintura: constituintes da tinta solventes: veículos voláteis, dissolvem resinas e conferem sua adequada viscosidade resinas ou polímeros: veículos não voláteis pigmentos: responsáveis pela cor, carga e proteção da base aditivos: conferem ou modificam características das tintas, podendo ser secante, plastificante, antimofo, etc.

5 Tipos de tintas Classificação das TINTAS segundo o substrato sobre bases porosas: alvenaria, concreto estrutural, argamassas e gesso sobre madeira e seus derivados sobre materiais metálicos ferrosos e não ferrosos Tipos de tintas em função do substrato Tintas para alvenaria, concreto, argamassas e gesso pinturas permeáveis ao vapor d água emulsões à base de PVA ou acrílicas à base de cimento (argamassas decorativas) ou de cal pinturas impermeáveis ao vapor d água

6 Tipos de tintas em função do substrato alquídicas (esmaltes sintéticos) epóxi, borracha clorada,... vernizes acrílicos ou poliuretânicos silicones Para metais ferrosos alquídicas (esmaltes sintéticos) epóxi, borracha clorada (uso industrial) Tipos de tintas em função do substrato Para madeira tintas alquídicas (esmaltes sintéticos) a óleo, esmaltes sintéticos vernizes alquídicos, poliuretânicos, filtro lacas acrílicas vinílicas melamínicas (uso industrial)

7 Requisitos de desempenho O que exigir de uma tinta rendimento (m² por galão) poder de cobertura pintabilidade f(ferramenta) estabilidade tempo de secagem (coerente) Requisitos de desempenho Como garantir as propriedades do sistema pintura: respeitar a idade da base tabela cuidado com umidade excessiva do ar (acima de 80%) cuidado com temperatura excessiva do ar (acima de 35 C) cuidado com vento e poeira cuidado com emendas de faixas de

8 Período de cura para aplicação das tintas TIPO DE BASE TIPO DE TINTA PVA OU ACRÍLICA CIMENTO OU CAL CONCRETO, ESMALTES OU ALVENARIA, VERNIZES ARGAMASSAS EPÓXI OU MISTAS BORRACHA CLORADA ARGAMASSAS PVA ou acrílica DE CAL MADEIRA ESMALTES OU VERNIZES INTERVALO MÍNIMO 30 dias 1 SEMANA 60 DIAS BASE SECA (AVALIAR) 60 DIAS BASE SECA (AVALIAR) Equipamentos usuais para aplicação do sistema pintura: Ferramentas para preparo da superfície

9 Equipamentos usuais para aplicação do sistema pintura: Ferramentas para preparo da superfície Requisitos básicos do sistema de pintura adequação da tinta a solicitação da base; correto preparo da base; qualidade das tintas, fundos e massas e equipamentos; adequação dos procedimentos de aplicação.

Tintas, Vernizes, Lacas e Esmaltes. Professora Ligia Pauline

Tintas, Vernizes, Lacas e Esmaltes. Professora Ligia Pauline Tintas, Vernizes, Lacas e Esmaltes Professora Ligia Pauline Tintas Suspensão de partículas opacas (pigmentos) em veículo fluido; Função das partículas: cobrir e decorar as superfícies; Função do veículo:

Leia mais

Tintas. Tintas. Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Su - PUC/RS

Tintas. Tintas. Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Su - PUC/RS Sistema de Pintura Ciência dos Materiais - ECivil Tintas Prof. Jairo José de Oliveira Andrade Conjunto da tinta de acabamento + massas + fundos Emprego de materiais específicos Película aderente Baixa

Leia mais

PINTURAS. Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 8º Período Turma C01 Disc. Construção Civil II

PINTURAS. Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 8º Período Turma C01 Disc. Construção Civil II PINTURAS Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 8º Período Turma C01 Disc. Construção Civil II PINTURA s.f. Ato ou efeito de pintar. Camada de recobrimento de uma superfície, com funções

Leia mais

Sistemas para paredes

Sistemas para paredes Sistemas para paredes Wall Tech Descrição geral Aplicações Integra-se perfeitamente aos sistemas de pisos em MMA, formando um sistema monolítico único. Ideal para ambientes internos, é aplicável diretamente

Leia mais

Prof. Marcos Valin Jr TINTAS

Prof. Marcos Valin Jr TINTAS Prof. Marcos Valin Jr TINTAS As tintas são empregadas na construção com o fim de conservar os materiais sobre os quais são aplicados e também para fim decorativo. As tintas devem ter além da fixidez a

Leia mais

PINTURA & ACABAMENTOS

PINTURA & ACABAMENTOS PINTURA & ACABAMENTOS 01/05/2005 Pag.: 1 de 12 LEGENDA TXE-123 PIE-100 primer anti-corrosivo epoxi primer de aderência - epoxi isocianato PAE-200 primer selador epoxi de alta espessura SELADORA VLU-400

Leia mais

SAC 0800-VEDACIT DEMAIS DEPARTAMENTOS (11) DE SEGUNDA A SEXTA DAS 8H ÀS 17H45

SAC 0800-VEDACIT DEMAIS DEPARTAMENTOS (11) DE SEGUNDA A SEXTA DAS 8H ÀS 17H45 Produto VEDACIL ACQUA é um verniz à base de resina acrílica dispersa em água. É indicado para proteção de estruturas e, após a cura, forma um filme transparente, impermeável, de fácil limpeza, de boa resistência

Leia mais

TINTAS. Prof. Roberto Monteiro de Barros Filho. out. 2014

TINTAS. Prof. Roberto Monteiro de Barros Filho. out. 2014 TINTAS out. 2014 Conceito Composição química variada, na maioria das vezes orgânica, que apresenta consistência líquida ou pastosa, que aplicada sobre uma superfície, forma um revestimento sólido e contínuo,

Leia mais

SAC 0800-VEDACIT DEMAIS DEPARTAMENTOS (11) DE SEGUNDA A SEXTA DAS 8H ÀS 17H45

SAC 0800-VEDACIT DEMAIS DEPARTAMENTOS (11) DE SEGUNDA A SEXTA DAS 8H ÀS 17H45 Produto VEDAFIX é um adesivo e selador de base acrílica, compatível com cimento e cal. Tem ação adesiva, o que aglutina as partículas do cimento e dos agregados, proporcionando melhor trabalhabilidade

Leia mais

Hardyconcret cimento Autonivelante. Sistema autonivelante de base cimentícea BOLETIM TÉCNICO. Hardyconcret. Autonivelante

Hardyconcret cimento Autonivelante. Sistema autonivelante de base cimentícea BOLETIM TÉCNICO. Hardyconcret. Autonivelante BOLETIM TÉCNICO Hardyconcret Cimento Autonivelante DESCRIÇÃO DO PRODUTO Hardyconcret cimento autonivelante, é composto por uma combinação de cimentos, aditivos especiais, acrílico de ultima geração e agregados

Leia mais

VEDATOP FLEX. Características do componente B Densidade: 1,03 g/cm³ Aparência: líquido de cor branca Composição básica: polímeros acrílicos

VEDATOP FLEX. Características do componente B Densidade: 1,03 g/cm³ Aparência: líquido de cor branca Composição básica: polímeros acrílicos Produto é uma argamassa polimérica, flexível, de base acrílica, com alta aderência e impermeabilidade. Adere perfeitamente a concreto, alvenaria e argamassa, acompanhando eventuais movimentações. Por isso,

Leia mais

ARGAMASSA ESTRUTURAL 251 F

ARGAMASSA ESTRUTURAL 251 F Produto ARGAMASSA ESTRUTURAL 251 F é uma argamassa bicomponente à base de cimento, polímeros acrílicos e fibras sintéticas que, depois da mistura, resulta numa argamassa coesa, tixotrópica e de fácil moldagem.

Leia mais

PINTURA (INTERNA E EXTERNA)

PINTURA (INTERNA E EXTERNA) SINAPI SISTEMA NACIONAL DE PESQUISA DE CUSTOS E ÍNDICES DA CONSTRUÇÃO CIVIL CADERNOS TÉCNICOS DE COMPOSIÇÕES PARA PINTURA (INTERNA E EXTERNA) LOTE 1 Versão: 004 Vigência: 06/2014 Última atualização: 11/2016

Leia mais

REVESTIMENTOS VERTICAIS. Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 7º Período Turma A01 Disc. Construção Civil I

REVESTIMENTOS VERTICAIS. Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 7º Período Turma A01 Disc. Construção Civil I REVESTIMENTOS VERTICAIS Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 7º Período Turma A01 Disc. Construção Civil I O CONCEITO FUNCIONAL É um elemento funcional do edifício com funções bem

Leia mais

Pintura 100% Sólidos ST BOLETIM TÉCNICO. Pintura 100%

Pintura 100% Sólidos ST BOLETIM TÉCNICO. Pintura 100% BOLETIM TÉCNICO Pintura 100% Sólidos ST DESCRIÇÃO DO PRODUTO A Pintura 100% Sólidos ST é um sistema de pintura epóxi, 100% sólidos, bi-componente, formulado para proporcionar, através de uma película protetora

Leia mais

NEOPAC : EMULSÕES PU ACRÍLICAS PARA TINTAS BASE ÁGUA

NEOPAC : EMULSÕES PU ACRÍLICAS PARA TINTAS BASE ÁGUA A Royal DSM é uma companhia de origem holandesa com atuação global baseada em ciências, entregando soluções inovadoras que nutrem, protegem e aprimoram performance, criando valor para clientes de mercados

Leia mais

BIANCO. Misturar antes de usar. Adicionar BIANCO à água de amassamento na diluição indicada

BIANCO. Misturar antes de usar. Adicionar BIANCO à água de amassamento na diluição indicada Produto BIANCO é uma resina sintética, de alto desempenho, que proporciona excelente aderência das argamassas aos mais diversos substratos. Confere maior plasticidade, aumenta a impermeabilidade e evita

Leia mais

VEDATOP SAC 0800-VEDACIT DEMAIS DEPARTAMENTOS (11) DE SEGUNDA A SEXTA DAS 8H ÀS 17H45

VEDATOP SAC 0800-VEDACIT DEMAIS DEPARTAMENTOS (11) DE SEGUNDA A SEXTA DAS 8H ÀS 17H45 Produto é uma argamassa polimérica de base acrílica impermeável de alta aderência e de fácil aplicação. Pode ser aplicado sobre concreto, blocos cerâmicos e de concreto, fibrocimento, rebocos e demais

Leia mais

ARGAMASSA ESTRUTURAL 250

ARGAMASSA ESTRUTURAL 250 Produto ARGAMASSA ESTRUTURAL 250 é uma argamassa bicomponente à base de cimento e polímeros acrílicos que, depois da mistura, resulta numa argamassa coesa, tixotrópica e de fácil moldagem. O produto apresenta

Leia mais

FOLHA DE CAPA CONTROLE DE REVISÃO DAS FOLHAS

FOLHA DE CAPA CONTROLE DE REVISÃO DAS FOLHAS FOLHA DE CAPA TÍTULO ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PINTURA NUMERO ORIGINAL NÚMERO COMPAGAS FOLHA ET-6000-6520-940-TME-016 ET-65-940-CPG-016 1 / 7 CONTROLE DE REVISÃO DAS FOLHAS ESTA FOLHA DE CONTROLE INDICA EM

Leia mais

BOLETIM DE INFORMAÇÕES TÉCNICAS Revisão 007 Junho/2012

BOLETIM DE INFORMAÇÕES TÉCNICAS Revisão 007 Junho/2012 1 - PRODUTO: Esmalte sintético brilhante Branco Natrielli. 2 - DESCRIÇÃO: É um produto de fácil aplicação e excelente cobertura e rendimento. Recomendado para pintura de superfícies externas e internas

Leia mais

DICAS. Multiplicador de Qualidade Futura

DICAS. Multiplicador de Qualidade Futura DICAS Multiplicador de Qualidade Futura 1. Patologias Patologia é qualquer anormalidade que venha a ocorrer abaixo ou acima do filme da tinta e que provoque o desgaste acelerado do sistema de pintura.

Leia mais

VEDATOP. Densidade: 1,23 g/cm³ Aparência: Cinza Composição básica: Aditivos especiais., Agregados minerais., Cimento.

VEDATOP. Densidade: 1,23 g/cm³ Aparência: Cinza Composição básica: Aditivos especiais., Agregados minerais., Cimento. Produto VEDATOP é uma argamassa polimérica de base acrílica impermeável de alta aderência e de fácil aplicação. Pode ser aplicado sobre concreto, blocos cerâmicos e de concreto, fibrocimento, rebocos e

Leia mais

09/2013. Brilhante. NBR da ABNT Ⅰ Tipo da NBR Premium

09/2013. Brilhante. NBR da ABNT Ⅰ Tipo da NBR Premium Quaisquer recomendações, informações, assistências ou serviços fornecidos pelas Indústrias Químicas Irajá sobre seus produtos ou sobre o uso e aplicação dos mesmos são dados de boa fé, acreditando serem

Leia mais

SAC 0800-VEDACIT DEMAIS DEPARTAMENTOS (11) DE SEGUNDA A SEXTA DAS 8H ÀS 17H45

SAC 0800-VEDACIT DEMAIS DEPARTAMENTOS (11) DE SEGUNDA A SEXTA DAS 8H ÀS 17H45 Produto VEDAPREN PAREDE é uma pintura impermeável e elástica que protege as paredes contra fissuras e batidas de chuva, além de ter alta durabilidade. Pode ser aplicado sobre reboco, concreto, fibrocimento,

Leia mais

FLEXÍVEIS Suportam deformações de amplitude variável, dependendo de seu reforço à tração.

FLEXÍVEIS Suportam deformações de amplitude variável, dependendo de seu reforço à tração. IMPERMEABILIZAÇÃO Têm a função de proteger a edificação contra patologias que poderão surgir como possível infiltração de água. Classificação RÍGIDAS Baixa capacidade de deformação FLEXÍVEIS Suportam deformações

Leia mais

Treinamento IMPERGEL PU

Treinamento IMPERGEL PU Treinamento IMPERGEL PU Posicionamento do Produto (Versões) Os Produtos do sistema IMPERGEL O que é tinta??? O que é um substrato??? Sistemas de pintura Tratamento de superfície ou substrato Principais

Leia mais

PINTURAS. Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 8º Período Turma C01, C02 e C03 Disc. Construção Civil II

PINTURAS. Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 8º Período Turma C01, C02 e C03 Disc. Construção Civil II PINTURAS Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 8º Período Turma C01, C02 e C03 Disc. Construção Civil II PINTURA s.f. Ato ou efeito de pintar. Camada de recobrimento de uma superfície,

Leia mais

AQUOSOS CONSTRUÇÃO CIVIL

AQUOSOS CONSTRUÇÃO CIVIL AQUOSOS CONSTRUÇÃO CIVIL Primários/Isolantes SELCRIL ISOLAQUA Primário acrílico aquoso de cor branca, indicado para o exterior e interior. Foi concebido com resinas acrílicas de fácil penetração e de excelente

Leia mais

BOLETIM TÉCNICO FR (REV. 00)

BOLETIM TÉCNICO FR (REV. 00) BOLETIM TÉCNICO FR413-00 (REV. 00) Selador Acrílico Pigmentado É um selador de superfície, de fácil aplicação, é utilizado como primeira demão em superfícies não seladas. Proporciona uniformidade na absorção,

Leia mais

Ficha Técnica de Produto Super Manta Líquida Código: SML001

Ficha Técnica de Produto Super Manta Líquida Código: SML001 1. Descrição: A é um impermeabilizante super elástico e flexível, aplicado a frio em forma de pintura e formulado à base de polímeros especiais acrílicos com alto teor de sólidos Forma uma película impermeabilizante,

Leia mais

CLÁUSULA TERCEIRA DADOS DOS MATERIAIS

CLÁUSULA TERCEIRA DADOS DOS MATERIAIS STU/BH CLÁUSULA TERCEIRA DADOS DOS MATERIAIS 3.1 Item 3.2 Códig o 1 2801004 795 2 2801004 796 3 2801004 828 4 2801004 864 5 2801004 758 3.3 Quant 3.4 Unit. 41 L 85 L 45 UN 14,4 L 63 L 3.5 Descrição 3.6

Leia mais

MATERIAIS E REVESTIMENTOS CST DESIGN DE INTERIORES

MATERIAIS E REVESTIMENTOS CST DESIGN DE INTERIORES MATERIAIS E REVESTIMENTOS CST DESIGN DE INTERIORES DOCENTE: Márcia Silva PINTURA FUNÇÕES Decoração Proteção da base (durabilidade dos substratos) Impedir corrosão de metais Reduzir absorção de água em

Leia mais

Os materiais de proteção térmica devem apresentar:

Os materiais de proteção térmica devem apresentar: Os materiais de proteção térmica devem apresentar: Elevado calor específico Reduzida condutividade térmica Garantia de integridade durante a evolução do incêndio Resistência mecânica adequada Custo viável

Leia mais

RELAÇÃO DE ITENS - PREGÃO ELETRÔNICO Nº 00013/ SRP

RELAÇÃO DE ITENS - PREGÃO ELETRÔNICO Nº 00013/ SRP 52131 - COMANDO DA MARINHA 783810 - CENTRO DE INTENDENCIA DA MARINHA EM NATAL RELAÇÃO DE ITENS - PREGÃO ELETRÔNICO Nº 00013/2016-000 SRP 1 - Itens da Licitação 1 - AREIA AREIA, TIPO LAVADA, GRANULOMETRIA

Leia mais

BOLETIM TÉCNICO FR (REV. 00)

BOLETIM TÉCNICO FR (REV. 00) BOLETIM TÉCNICO FR413-00 (REV. 00) Acrílico Premium Total Semibrilho É uma tinta com excelente poder de cobertura, boa resistência a intempéries e de fácil aplicação. É considerada sem cheiro após 3 horas

Leia mais

Capítulo 32. b) os tanatos e outros derivados tânicos dos produtos incluídos nas posições a 29.39, ou a 35.04;

Capítulo 32. b) os tanatos e outros derivados tânicos dos produtos incluídos nas posições a 29.39, ou a 35.04; Capítulo 32 Extratos tanantes e tintoriais; taninos e seus derivados; pigmentos e outras matérias corantes; tintas e vernizes; mástiques; tintas de escrever Notas. 1.- O presente Capítulo não compreende:

Leia mais

COLOQUE MAIS COR NA SUA VIDA COM RESITINTAS.

COLOQUE MAIS COR NA SUA VIDA COM RESITINTAS. A Resitintas está há mais de 10 anos no mercado com produção e comercialização de tintas, texturas, seladores e massas corridas entre os mais de 200 itens oferecidos para pinturas e acabamentos interiores

Leia mais

FR (REV. 00) Fundo prepador de paredes

FR (REV. 00) Fundo prepador de paredes BOLETIM TÉCNICO FR413-00 (REV. 00) Fundo prepador de paredes É um produto base água incolor, com baixíssimo odor e de fácil aplicação que possui na sua formulação, ingredientes que tem o poder de aglutinar

Leia mais

Tintas na Construção Civil

Tintas na Construção Civil Tintas na Construção Civil Aline Guidolin da Luz Ana Paula Piccoli Dudek Damille Pacheco Isabela Maria Nicaretta Letícia Maria Oenning Michelle de Lima Rodrigues Constituintes Básicos das Tintas TINTAS

Leia mais

Técnicas de Construção Civil 3 Revestimento Interno e Externo

Técnicas de Construção Civil 3 Revestimento Interno e Externo Curso Técnico em Edificações Disciplina Técnicas de Construção Civil 3 Revestimento Interno e Externo Docente: Profa. Priscila B. Alves TCCC3 O que é? Pra que serve? Quais os tipos? Introdução Nada mais

Leia mais

Norma Técnica SABESP NTS 158

Norma Técnica SABESP NTS 158 Norma Técnica SABESP NTS 158 Esquema de pintura para equipamentos e materiais metálicos não-ferrosos em contato direto com esgoto Especificação São Paulo Rev. 1 - Outubro - 2001 NTS 158 : 2001 Norma Técnica

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA GERAL DA REPÚBLICA orçamento sintético

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA GERAL DA REPÚBLICA orçamento sintético MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA GERAL DA REPÚBLICA orçamento sintético Brasília/DF, 4/0/2009 OBJETO: Contratação de empresa especializada na execução de reforma em ambientes da Residência Oficial,

Leia mais

CATÁLOGO DE PRODUTOS P R ODU TO S P R OFISSION AIS I N D U S T R I A L.

CATÁLOGO DE PRODUTOS P R ODU TO S P R OFISSION AIS I N D U S T R I A L. 2 016 CATÁLOGO DE PRODUTOS P R ODU TO S P R OFISSION AIS I N D U S T R I A L www.coriarte.com.br TINTA INDUSTRIAL ESMALTE Tintas líquidas Industriais & Automotiva PRODUTOS ADEQUADOS PARA CADA APLICAÇÃO

Leia mais

Suvinil Sempre NovaAcrílico PremiumExterior Fachadas limpas e protegidas Não deixa a sujeira grudar Não desbota

Suvinil Sempre NovaAcrílico PremiumExterior Fachadas limpas e protegidas Não deixa a sujeira grudar Não desbota GRUPO PRODUTOS IMOBILIARIOS LINHA LÁTEX E ACRÍLICOS Suvinil Sempre NovaAcrílico PremiumExterior Fachadas limpas e protegidas Não deixa a sujeira grudar Não desbota Aplicação Cores Deste Produto x Rendimento

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO UFOP Coordenadoria de Suprimentos - CSU

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO UFOP Coordenadoria de Suprimentos - CSU ITEM QTDE. UND DESCRIÇÃO SALDO 1 LA 30.24.000042-TINTA LÁTEX PREMIUM, LATA COM 18 LITROS, ACABAMENTO FOSCO, COMPOSIÇÃO: RESINA À BASE DE DISPERSÃO AQUOSA DE COPOLÍMERO ESTIRENO ACRÍLICO, PIGMENTOS ISENTOS

Leia mais

Campos de Aplicação MASTERTOP 1210 é indicado como pintura nos mais diversos ambientes, tais como

Campos de Aplicação MASTERTOP 1210 é indicado como pintura nos mais diversos ambientes, tais como MASTERTOP 1210 Pintura ou revestimento epoxidico Descrição do Produto MASTERTOP 1210 é uma pintura epóxi de alto desempenho, que pode ser aplicada com espessura de 0,3 a 1,0 mm em substratos de concreto

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PRÓ-REITORIA DE ADMINISTRAÇÃO COORDENAÇÃO DE LICITAÇÃO

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PRÓ-REITORIA DE ADMINISTRAÇÃO COORDENAÇÃO DE LICITAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PRÓ-REITORIA DE ADMINISTRAÇÃO COORDENAÇÃO DE LICITAÇÃO ANEXO II DO EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N.º 46/2016/AD PLANILHA QUANTIDADE E PREÇO 1 2 BROXA (ESCOVA) RETANGULAR 155

Leia mais

KITS P/ PINTURA Nº 1 Nº 2

KITS P/ PINTURA Nº 1 Nº 2 KITS P/ PINTURA Nº 1 Nº 2 Nº 3 1022 01 Bandeja grande ref.1029. 01 Rolo de Espuma Pop 23cm com cabo ref.1005. 01 Rolo de Espuma Pop 09cm com cabo ref.1003. 01 Rolo de Espuma Pop 05cm com cabo ref.1002.

Leia mais

FICHA TÉCNICA DO PRODUTO

FICHA TÉCNICA DO PRODUTO FICHA TÉCNICA DO PRODUTO TOPECA, Lda Rua do Mosqueiro 2490 115 Cercal Ourém PORTUGAL Tel.: 00 351 249 580 070 Fax.: 00 351 249 580 079 geral@topeca.pt www.topeca.pt rebetop color Pág. 2 utilização Revestimento

Leia mais

Sistema de Gestão de Qualidade ES Especificação Técnica

Sistema de Gestão de Qualidade ES Especificação Técnica Especificação Técnica Código Página 1 TRATAMENTO DE FACHADAS DE CONCRETO APARENTE Sistema adotado Execução de serviços de recomposição e tratamento de fachadas de concreto aparente retornando a condição

Leia mais

Dicas Qualyvinil PROCESSOS DE PINTURA

Dicas Qualyvinil PROCESSOS DE PINTURA Processos de pintura Existem diferentes processos de pintura, mas o segredo para o sucesso e durabilidade do acabamento final, depende invariavelmente da habilidade do profissional e da preparação da superfície.

Leia mais

VEDACIT. Misturar o VEDACIT antes de usar e dissolvê-lo na água de amassamento.

VEDACIT. Misturar o VEDACIT antes de usar e dissolvê-lo na água de amassamento. Produto VEDACIT é um aditivo impermeabilizante para concretos e argamassas, que age por hidrofugação do sistema capilar e permite a respiração dos materiais, mantendo os ambientes salubres. Características

Leia mais

BOLETIM DE INFORMAÇÕES TÉCNICAS Revisão 006 Julho/2011

BOLETIM DE INFORMAÇÕES TÉCNICAS Revisão 006 Julho/2011 1 - PRODUTO: Base A esmalte base água brilhante Sistema Multicores Natrielli. 2 - DESCRIÇÃO: É uma base de uso exclusivo do SISTEMA MULTICORES NATRIELLI. Recomendada para pigmentação de cores pastéis.

Leia mais

SAC 0800-VEDACIT DEMAIS DEPARTAMENTOS (11) DE SEGUNDA A SEXTA DAS 8H ÀS 17H45

SAC 0800-VEDACIT DEMAIS DEPARTAMENTOS (11) DE SEGUNDA A SEXTA DAS 8H ÀS 17H45 Produto VEDATOP é uma argamassa polimérica semiflexível impermeável, indicada para vedação e eliminação da umidade. Pode ser aplicado sobre concreto, blocos cerâmicos e de concreto, fibrocimento e demais

Leia mais

aditivo para rejuntamento

aditivo para rejuntamento 01 Descrição: votomassa deve ser misturado ao votomassa flexível ou similar. Usado em substituição à água na mistura, o produto melhora a impermeabilidade e a resistência do, proporcionando um rejunte

Leia mais

VEDATOP FLEX COM FIBRAS

VEDATOP FLEX COM FIBRAS Produto VEDATOP FLEX FIBRAS é uma argamassa polimérica, flexível, com fibras sintéticas, termoplástica indicada para vedar e eliminar vazamentos e umidade. Adere perfeitamente a concreto, alvenaria e argamassa,

Leia mais

C-CRYL S420 HB Revestimento acrílico casca de ovo de alta espessura Revisão: Janeiro 2016

C-CRYL S420 HB Revestimento acrílico casca de ovo de alta espessura Revisão: Janeiro 2016 DESCRIÇÃO C-Cryl S420 HB é um revestimento acrílico de alta espessura cujas principais propriedades são: - Produto com Marcação CE. - Cumpre os requisitos da norma EN 1504-2. - Cumpre com a especificação

Leia mais

Desempenho em serviço Prof. Maristela Gomes da Silva

Desempenho em serviço Prof. Maristela Gomes da Silva Desempenho em serviço Prof. Maristela Gomes da Silva Departamento de Engenharia Civil Bibliografia referência para esta aula ISAIA, G. C. (editor) Materiais de Construção Civil e Princípios de ciência

Leia mais

FOLHA DE CAPA CONTROLE DE REVISÃO DAS FOLHAS

FOLHA DE CAPA CONTROLE DE REVISÃO DAS FOLHAS FOLHA DE CAPA TÍTULO ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PINTURA NUMERO ORIGINAL NÚMERO COMPAGAS FOLHA ET-6000-6520-940-TME-016 ET-65-940-CPG-016 1 / 7 CONTROLE DE REVISÃO DAS FOLHAS ESTA FOLHA DE CONTROLE INDICA EM

Leia mais

ANEXO 02 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS OBRA: SUBST PISO RESIDEN 01 CONDOM SOBRAL LOCALIZAÇÃO: CONDOMINIO SOBRAL

ANEXO 02 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS OBRA: SUBST PISO RESIDEN 01 CONDOM SOBRAL LOCALIZAÇÃO: CONDOMINIO SOBRAL OBRA: SUBST PISO RESIDEN 01 CONDOM SOBRAL LOCALIZAÇÃO: CONDOMINIO SOBRAL ANEXO 02 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS O reboco será demolido com ferramentas adequadas, tendo todo o cuidado para não causar nenhum dano

Leia mais

Norma Técnica SABESP NTS 153

Norma Técnica SABESP NTS 153 Norma Técnica SABESP NTS 153 Esquema de pintura para equipamentos e materiais plásticos expostos a raios solares Especificação São Paulo Maio - 2001 NTS 153 : 2001 Norma Técnica SABESP S U M Á R I O 1

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ SUSTENTABILIDADE NA CONSTRUÇÃO CIVIL: FOCO EM TINTAS E OUTROS TRATAMENTOS PARA SUPERFÍCIE DE CONCRETO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ SUSTENTABILIDADE NA CONSTRUÇÃO CIVIL: FOCO EM TINTAS E OUTROS TRATAMENTOS PARA SUPERFÍCIE DE CONCRETO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ SUSTENTABILIDADE NA CONSTRUÇÃO CIVIL: FOCO EM TINTAS E OUTROS TRATAMENTOS PARA SUPERFÍCIE DE CONCRETO Isaac Nince Ramos, Kawone da Cruz Navarro, Medhelin Nicole da Cruz Barbosa,

Leia mais

SAC 0800-VEDACIT DEMAIS DEPARTAMENTOS (11) DE SEGUNDA A SEXTA DAS 8H ÀS 17H45

SAC 0800-VEDACIT DEMAIS DEPARTAMENTOS (11) DE SEGUNDA A SEXTA DAS 8H ÀS 17H45 Produto NEUTROL é uma tinta asfáltica de grande aderência e alta resistência química que forma uma película impermeável. É indicado para proteção de estruturas de concreto e alvenaria revestida com argamassa

Leia mais

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. Tintas Soluções para Estruturas Metálicas

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. Tintas Soluções para Estruturas Metálicas Motores Automação Eneria Transmissão & Distribuição Tintas Tintas Soluções para Estruturas Metálicas www.we.net Soluções para estruturas metálicas 2 Soluções para Estruturas Metálicas Soluções em tintas

Leia mais

Viaplus TOP. Pág Descrição

Viaplus TOP.  Pág Descrição Viaplus TOP 1. Descrição Revestimento impermeabilizante, semiflexível, bicomponente (A+B), à base de cimentos especiais, aditivos minerais e polímeros de excelentes características impermeabilizantes.

Leia mais

MCC Materiais de Construção I. Professora Carmeane Effting. Alunos: Edson, Neroci, Rafael, Sérgio e Vanesssa

MCC Materiais de Construção I. Professora Carmeane Effting. Alunos: Edson, Neroci, Rafael, Sérgio e Vanesssa MCC1001 - Materiais de Construção I Professora Carmeane Effting Alunos: Edson, Neroci, Rafael, Sérgio e Vanesssa O uso das tintas existe desde o tempo pré-histórico. Com tintas à base de gordura animal

Leia mais

# $ %&' ( ) # " # % " *! " $ % + (, " $ - & "! "! " $ %&. ' ( ) #! " $ %' & +!

# $ %&' ( ) #  # %  *!  $ % + (,  $ - & ! !  $ %&. ' ( ) #!  $ %' & +! / 0 1 0 2 5 4 4 0 3 4 4 ORIGINAL REV. A REV. B REV. C REV. D REV. E REV. F REV. G DATA 01.09.99 01.09.99 10.07.00 EXECUÇÃO J.S. J.S. J.S. VERIFICAÇÃO J.S. J.S. J.S. APROVAÇÃO 6 1.0 0BJETIVO O objetivo

Leia mais

Faculdade Sudoeste Paulista Curso de Engenharia Civil Técnicas da Construção Civil

Faculdade Sudoeste Paulista Curso de Engenharia Civil Técnicas da Construção Civil AULA 11 CONTRAPISOS O contrapiso é uma camada de argamassa executada sobre uma base, que pode ser a laje de um pavimento ou um lastro de concreto, se for sobre o solo. Sua função é regularizar a superfície

Leia mais

Catalogo de Produtos 2016

Catalogo de Produtos 2016 Conheça nossa Linha Catalogo de Produtos 2016 NOSSA COR SUA ARTE! www.coriarte.com.br 01 PAREDES,TETOS Acrílico Premium Acetinado, Semi-Brilho Excelente qualidade e cobertura, ótimo rendimento, fino acabamento

Leia mais

TINTAS E VERNIZES MCC1001 AULA 7

TINTAS E VERNIZES MCC1001 AULA 7 TINTAS E VERNIZES MCC1001 AULA 7 Disciplina: Materiais de Construção I Professora: Dr. a Carmeane Effting 1 o semestre 2014 Centro de Ciências Tecnológicas Departamento de Engenharia Civil DEFINIÇÃO: TINTAS

Leia mais

Soluções em Adesão Estrutural, Fixação e Vedação para Indústria Náutica

Soluções em Adesão Estrutural, Fixação e Vedação para Indústria Náutica Engineered Polymers Soluções em Adesão Estrutural, Fixação e Vedação para Indústria Náutica Polymers Sealants Polymers Adhesives PP&F Asia Polymers South America Aperfeiçoando a produção de barcos com

Leia mais

Norma Técnica SABESP NTS 146

Norma Técnica SABESP NTS 146 Norma Técnica SABESP NTS 146 Esquema de pintura para equipamentos e materiais em aço-carbono ou ferro fundido pintados e sujeitos à umidade freqüente Especificação São Paulo Maio - 2001 NTS 146 : 2001

Leia mais

CLASSIFICAÇÃO. De acordo com o mercado atendido as tintas são classificadas como:

CLASSIFICAÇÃO. De acordo com o mercado atendido as tintas são classificadas como: TINTAS Tinta é uma composição, líquida ou em pó, constituída de um ou mais pigmentos dispersos em um veículo e que, quando estendida em uma película fina, forma um filme opaco e aderente ao substrato.

Leia mais

SOLUÇÕES PARA INTERIORES

SOLUÇÕES PARA INTERIORES SOLUÇÕES PARA INTERIORES TINTAS PLÁSTICAS Muráqua Paredes & Tectos Tinta plástica destinada à pintura de paredes interiores e tectos. Passimur Quartos & Salas Tinta plástica decorativa para interiores

Leia mais

CONSTRUÇÃO CIVIL II ENG 2333 (2016/1)

CONSTRUÇÃO CIVIL II ENG 2333 (2016/1) ENG 2333 (2016/1) Aula 08 Contrapiso CONTRAPISO Funções: Regularizar a superfície do piso ou da laje; Embutir instalações que passem pelo piso; Permitir o correto caimento do piso nas áreas molhadas; Fornecer

Leia mais

SAC 0800-VEDACIT DEMAIS DEPARTAMENTOS (11) DE SEGUNDA A SEXTA DAS 8H ÀS 17H45

SAC 0800-VEDACIT DEMAIS DEPARTAMENTOS (11) DE SEGUNDA A SEXTA DAS 8H ÀS 17H45 Produto VEDATOP FLEX é uma argamassa polimérica, flexível, termoplástica indicada para vedar e eliminar vazamentos e umidade. Adere perfeitamente a concreto, alvenaria e argamassa, acompanhando eventuais

Leia mais

ANEXO XIII MEMORIAL DESCRITIVO

ANEXO XIII MEMORIAL DESCRITIVO ANEXO XIII MEMORIAL DESCRITIVO 1. APRESENTAÇÃO O presente MEMORIAL DESCRITIVO tem por finalidade determinar os detalhes de acabamento, tipo e a qualidade dos materiais a serem utilizados na reforma do

Leia mais

ÍNDICE. Apresentação. Iquine - Um Ideal Concretizado

ÍNDICE. Apresentação. Iquine - Um Ideal Concretizado ÍNDICE Apresentação Iquine - Um Ideal Concretizado Procedimentos Técnicos Cálculo básico de área - Preparação da superfície - Que produto usar em cada superfície. 01 02 05 Acabamentos Madeira Verniz Duplo

Leia mais

GUIA DO PINTOR MARCENARIA

GUIA DO PINTOR MARCENARIA GUIA DO PINTOR MARCENARIA ÍNDICE Apresentação Iquine - Um Ideal Concretizado Procedimentos Técnicos Cálculo básico de área - Preparação da superfície - Que produto usar em cada superfície. 01 02 05 Acabamentos

Leia mais

AULA 6 ARGAMASSA. Disciplina: Materiais de Construção I Professora: Dra. Carmeane Effting. 1 o semestre 2015

AULA 6 ARGAMASSA. Disciplina: Materiais de Construção I Professora: Dra. Carmeane Effting. 1 o semestre 2015 AULA 6 ARGAMASSA Disciplina: Materiais de Construção I Professora: Dra. Carmeane Effting 1 o semestre 2015 Centro de Ciências Tecnológicas Departamento de Engenharia Civil ARGAMASSAS DEFINIÇÃO Materiais

Leia mais

FR (REV. 00) Tinta Emborrachada Anjo

FR (REV. 00) Tinta Emborrachada Anjo BOLETIM TÉCNICO FR413-00 (REV. 00) Tinta Emborrachada Anjo É um revestimento elástico, com propriedades de redução térmica e acústica do ambiente que está sob sua cobertura. Possui excelente aderência,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PATY DO ALFERES PREFEITURA MUNICIPAL DE PATY DO ALFERES

PREFEITURA MUNICIPAL DE PATY DO ALFERES PREFEITURA MUNICIPAL DE PATY DO ALFERES 1. 7930.001.0021.003 - ÁGUA RAZ - Água Raz (galão com 05 litros). ITAQUA GL 50 46,000 2.300,00 11. 5120.001.0006.002 - DESEMPENADEIRA - Desempenadeira, aço especial,dentada, tamanho médio 16. 8040.001.0013.002

Leia mais

BOLETIM DE INFORMAÇÕES TÉCNICAS Revisão 006 Julho/2011

BOLETIM DE INFORMAÇÕES TÉCNICAS Revisão 006 Julho/2011 1 - PRODUTO: Zarcão Pitbull serralheiro óxido. 2 - DESCRIÇÃO: É um fundo anticorrosivo recomendado para proteger superfícies de ferro, novas ou com vestígios de ferrugem, para ser usado antes da pintura.

Leia mais

Primer Surfacer EP II

Primer Surfacer EP II Produto de dois componentes, com boa adesão e resistência a corrosão para ser usado em todos os substratos dentro da repintura automotiva. Para uso em novos painéis e em trabalhos de reparo. Aplicação

Leia mais

VEDAPREN FAST. -lajes expostas; -estruturas inclinadas como lajes, abóbadas, sheds, cúpulas e marquises; -telhas onduladas; -calhas de concreto.

VEDAPREN FAST. -lajes expostas; -estruturas inclinadas como lajes, abóbadas, sheds, cúpulas e marquises; -telhas onduladas; -calhas de concreto. Produto VEDAPREN FAST é uma manta líquida, de base acrílica, secagem ultrarrápida e aplicação a frio sem emendas, pronta para uso e moldada no local. Com alto rendimento, cobre a estrutura com uma proteção

Leia mais

BOLETIM TÉCNICO FR (REV. 01)

BOLETIM TÉCNICO FR (REV. 01) BOLETIM TÉCNICO FR413-00 (REV. 01) Tinta Para Piso Piso Novo É uma tinta com alta resistência a intempéries e ao tráfego de pessoas e carros. Tem boa cobertura, rendimento e secagem rápida. Seu uso protege

Leia mais

REVESTIMENTOS. Curso Técnico em Edificações Disciplina: Técnicas de Construção Civil 3 Profª Nayra Y. Tsutsumoto

REVESTIMENTOS. Curso Técnico em Edificações Disciplina: Técnicas de Construção Civil 3 Profª Nayra Y. Tsutsumoto REVESTIMENTOS Curso Técnico em Edificações Disciplina: Técnicas de Construção Civil 3 Profª Nayra Y. Tsutsumoto REVESTIMENTOS O que é revestimento? Revestimentos mais comuns Argamassas Cerâmicos Pedra

Leia mais

O que são os revestimentos verticais??? REVESTIMENTO: Cartão de visitas da empresa!!! que cobre uma superfície

O que são os revestimentos verticais??? REVESTIMENTO: Cartão de visitas da empresa!!! que cobre uma superfície Escola Politécnica da Universidade de São Paulo Departamento de Engenharia de Construção Civil PCC-2436 Tecnologia da Construção de Edifícios II Aula 05: Revestimentos Verticais Conceituação e Classificação

Leia mais

Adesivos Estruturais Jet-Weld TM TE-030 TE-031 TE-100 TS-230

Adesivos Estruturais Jet-Weld TM TE-030 TE-031 TE-100 TS-230 Dados Técnicos Agosto/99 Descrição do Produto TE-030 TE-031 TE-100 TS-230 Produto extrusivo, com rápido tempo de cura inicial, utilizado para colagem de madeira. Produto extrusivo com rápido tempo de cura

Leia mais

MANTA LÍQUIDA ACRÍLICA CIMENTÍCIA, FLEXÍVEL, BI-COMPONENTE

MANTA LÍQUIDA ACRÍLICA CIMENTÍCIA, FLEXÍVEL, BI-COMPONENTE MANTA LÍQUIDA ACRÍLICA CIMENTÍCIA, FLEXÍVEL, BI-COMPONENTE Polímero acrílico em emulsão aquosa PROPRIEDADES DA ARGAMASSA CERTIFICAÇÕES: Forte aderência Excelente impermeabilidade Resistente a variações

Leia mais

1) TRATAMENTO DE PISOS.

1) TRATAMENTO DE PISOS. 1) TRATAMENTO DE PISOS. Paviflex, ardósia, granitina, granilite, epóxi, mármores, cimento polido, cimento queimado. 1.1-Remoção de ceras. Para remover ceras novas e antigas, acumuladas camadas de ceras

Leia mais

Informação do Produto

Informação do Produto GLOBAL REFINISH SYSTEM Maio de 2016 Informação do Produto D8175 Verniz Rapid Performance PRODUTOS Verniz UHS Rapid Performance Catalisador UHS Diluente Acelerante Diluente Acelerante Altas Temperaturas

Leia mais

MANUAL DE conservação e limpeza

MANUAL DE conservação e limpeza MANUAL DE conservação e limpeza 1 MAnual de conservação e limpeza Uma boa conservação e uma limpeza correta pode aumentar a durabilidade e também a estética do seu móvel. Este manual visa dar dicas e sugestões

Leia mais

TECNOLOGIA DA CONSTRUÇÃO II CÓDIGO: IT837 CRÉDITOS: T2-P2 INSTITUTO DE TECNOLOGIA DEPARTAMENTO DE ARQUITETURA E URBANISMO

TECNOLOGIA DA CONSTRUÇÃO II CÓDIGO: IT837 CRÉDITOS: T2-P2 INSTITUTO DE TECNOLOGIA DEPARTAMENTO DE ARQUITETURA E URBANISMO TECNOLOGIA DA CONSTRUÇÃO II CÓDIGO: IT837 CRÉDITOS: T2-P2 INSTITUTO DE TECNOLOGIA DEPARTAMENTO DE ARQUITETURA E URBANISMO OBJETIVO DA DISCIPLINA: Fornecer ao aluno as informações necessárias sobre a constituição,

Leia mais

ÁREAS Impermeabilização em cortina - lado interno com cimento polimérico Poço de elevador.

ÁREAS Impermeabilização em cortina - lado interno com cimento polimérico Poço de elevador. 1 ÁREAS Impermeabilização em cortina - lado interno com cimento polimérico Poço de elevador. INDICE 1. DESCRIÇÃO DO SISTEMA... 01 2. MATERIAIS... 01 3. CUIDADOS INICIAIS... 02 4. TRATAMENTO: FISSURAS E

Leia mais

Boletim Técnico. Cores Branca. Textura Lisa e Acabamento Fosco.

Boletim Técnico. Cores Branca. Textura Lisa e Acabamento Fosco. Boletim Técnico Produto Multimassa Tapa-Tudo Descrição Multimassa Tapa-Tudo é um produto inovador e de alta tecnologia que preenche e nivela imperfeições dos mais diversos tipos de superfícies. Possibilita

Leia mais

COD DESCRIÇÃO EMB CORANTE LÍQUIDO UNIVERSAL

COD DESCRIÇÃO EMB CORANTE LÍQUIDO UNIVERSAL PINTURA 190 PINTURA vendas@koep.com.br SPRAY USO GERAL 400ml - 250g SPRAY METÁLICO 350ml - 235g SPRAY LUMINOSO 380ml - 235g 1645 Alumínio 06 4414 Alumínio rodas 06 1647 Amarelo 06 1829 Azul claro 06 1655

Leia mais

Norma Técnica SABESP NTS 145

Norma Técnica SABESP NTS 145 Norma Técnica SABESP NTS 145 Esquema de pintura para equipamentos e materiais metálicos não-ferrosos e sujeitos à umidade freqüente Especificação São Paulo Maio - 2001 NTS 145 : 2001 Norma Técnica SABESP

Leia mais

Quantificação de Materiais e Mão-de-obra

Quantificação de Materiais e Mão-de-obra Quantificação de Materiais e Mão-de-obra INFRA-ESTRUTURA 20501 LOCAÇÃO DA OBRA Madeiras e pregos (locação) 144,71 1 144,71 m2 2,5 361,775 Execução da locação da obra Mão-de-obra 144,71 1 144,71 m2 2 289,42

Leia mais