A Região Integrada de Desenvolvimento do Distrito Federal (RIDE-DF) no Censo 2010

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "A Região Integrada de Desenvolvimento do Distrito Federal (RIDE-DF) no Censo 2010"

Transcrição

1 A Região Integrada de Desenvolvimento do Distrito Federal (RIDE-DF) no Censo 2010 Coordenação: Rômulo José da Costa Ribeiro Responsável: Rômulo José da Costa Ribeiro 1 Colaboração: Juciano Rodrigues, Rosetta Mammarella, Érica Tavares da Silva Introdução A RIDE-DF é formada por 22 municípios e o Distrito Federal, sendo 19 municípios pertencentes ao Estado de Goiás e 3 pertencentes ao Estado de Minas Gerais. No contexto do desenvolvimento a maioria dos municípios concentra-se em torno do Distrito Federal (DF), sendo que esses apresentam alta dependência do DF. Os municípios mais afastados praticamente têm seu desenvolvimento independente do DF. Os 22 municípios da RIDE-DF têm como principal atividade econômica a agropecuária, sendo que em dois municípios (Pirenópolis e Corumbá de Goiás) destaca-se também a participação do setor turístico. Em 2010, a população do DF chegou a habitantes e entre os anos de 2000 e 2010houve um incremento populacional da ordem de habitantes. Em comparação com a sua Região integrada de Desenvolvimento (RIDE), que também teve acréscimo populacional, o peso da população no DF praticamente permaneceu o mesmo, 69,3% em 2000 e 69,0% em 2010, continuando a ser considerado elevado. O objetivo deste documento é explorar os primeiros resultados do Censo de 2010, por meio de uma abordagem demográfica utilizando a divisão em três partes, município da RIDE, DF e RIDE-DF. Assim, serão considerados nesse trabalho 4 regiões: os municípios de Goiás, os município de Minas Gerais, o DF e a RIDE-DF. (Figura 1) Figura 1 RIDE-DF Municípios por Estado. 1 Professor da Universidade de Brasília UnB, Campus UnB Planaltina, Programa de Pós-graduação em Arquitetura e Urbanismo PPG-FAU-UnB; Coordenador do Núcleo Brasília-RIDE do INCT Observatório das Metrópoles.

2 Distribuição da População A partir dos dados censitários percebe-se que praticamente não houve mudanças na composição da participação da população entre os municípios da RIDE e o DF. Em 2000 a participação dos municípios da RIDE era de 30,7% passando para 31% em 2010, e o DF passou de 69,3% em 2000 para 69,0% em Apesar da diminuição muito pequena da participação do núcleo metropolitano (DF), como já dito, a população da metrópole ainda é muito grande em relação aos 22 municípios que compõem a RIDE, como pode ser visto no Gráfico 1. Gráfico 1 População residente por UF: RIDE-DF 2000/2010

3 Ao analisar os dados da RIDE-DF verifica-se uma taxa de crescimento populacional de 2,3% no período de 2000 a Sendo que os municípios do Estado de Goiás tiveram uma taxa de crescimento de 2,6%, os municípios do Estado de Minas Gerais 1,0% e o DF de 2,3% para o mesmo período. (Gráfico 2) Gráfico 2 Taxa de Crescimento por UF: RIDE-DF 2000/2010

4 Pode-se notar que os municípios do Estado de Goiás apresentaram maior taxa de crescimento, fato provavelmente decorrente de essa região ser composta por 19 municípios (o maior conjunto). Essa situação também pode ter sido causada pela migração de moradores do DF para os municípios da RIDE, chamados de Entorno, em busca de custo de vida menor. Essa situação não será tratada neste trabalho, pois ainda não foram divulgados os dados censitários referentes à migração. Composição da População No gráfico 3, tem-se a distribuição de homens e mulheres entre os Estados e o Distrito Federal que compõem a RIDE-DF. Em 2010 nota-se que a participação de homens é menor que a das mulheres na composição da população, com exceção de Minas Gerais. Na composição geral da RIDE-DF a tendência de participação menor dos homens prevalece. Gráfico 3 Distribuição de homens e mulheres por UF: RIDE-DF 2010 É interessante notar que a participação dos homens diminuiu entre 2000 e 2010 e a das mulheres cresceu. Outro fato a ser observado é que o crescimento do número de homens e mulheres no DF permaneceu constante, apresentando a mesma participação em 2000 e (Gráfico 4) Gráfico 4 Distribuição de homens e mulheres por UF: RIDE-DF 2000/2010 Distribuição de Homens 2000/2010 Distribuição de Mulheres 2000/2010

5 Ao observar a idade média da população (Gráfico 5), verifica-se a repetição da tendência de comportamento que ocorre em todo o país, o envelhecimento populacional. Nota-se que o comportamento é semelhante nas regiões estudadas. Apesar da pouca variação, os municípios do Estado de Minas Gerais apresentam o maior envelhecimento. Destaca-se que a média de idade da RIDE-DF se aproxima muito da média do DF, uma vez que o DF apresenta a maior população, e a variação entre as regiões é muito próxima, é esperado que o comportamento médio do conjunto seja controlado por ele. Gráfico 5 Idade Média por UF: RIDE-DF 2000/2010 Ao se comparar a estrutura etária da RIDE-DF com a do Brasil, pode-se notar que há maior contribuição de faixas etárias mais velhas, o que indica uma população mais envelhecida do que a do país em geral (Gráfico 6). Gráfico 6 Pirâmide Etária do Brasil e da RIDE-DF 2000/2010.

6 Brasil 2000/2010 RIDE-DF 2000/2010 Tal diferença se torna mais clara quando se analisa o Gráfico 7, no qual se tem a diferença dos dados de 2010 entre o Brasil e a RIDE-DF. Claramente se vê que a população da RIDE-DF tem uma contribuição maior na faixa etária acima de 45 anos do que a população geral do Brasil. Gráfico 7 Diferença de contribuição etária Brasil e RIDE-DF 2000/2010. Quando se comparam os dados do censo demográfico da RIDE-DF entre os anos de 2000 e 2010, verifica-se mudança na composição da população, também marcada pelo envelhecimento. Percebe-se que em 2000 a faixa etária mais larga era de 20 a 24 anos, em 2010 a faixa mais larga passa a ser a de 25 a 30 anos. Percebe-se também uma redução da contribuição da faixa etária de 0 a 24 anos e um aumento das maiores idades (Gráfico 8). Gráfico 8 Pirâmide etária RIDE-DF 2000/2010.

7 Essa situação de envelhecimento é claramente percebida no Gráfico 9, no qual se tem representada a diferença de contribuição por faixa etária, entre os anos de 2000 e 2010, para a RIDE-DF. É interessante notar um maior envelhecimento das mulheres do que dos homens para a composição da população. Gráfico 9 Diferença de contribuição etária RIDE-DF 2000/2010.

8 Devido ao peso da população do DF, na composição da RIDE-DF, a pirâmide etária da RIDE-DF é bem parecida com a do DF (Gráfico 10). Mas ao se separar os municípios do Estado de Goiás e de Minas Gerais, que compõem a RIDE-DF, percebem-se algumas distinções. Tanto os municípios do Estado de Goiás quanto os de Minas Gerais apresentam base mais larga que o DF, o que significa que a população dessas duas regiões tem maior contribuição na formação de sua população de jovens. Esse fato é bem mais realçado nos municípios do Estado de Goiás (Gráficos 11 e 12). Também é possível notar que a população do DF é a mais envelhecida do conjunto. Gráfico 10 Pirâmide etária: DF 2000/2010. Gráfico 11 Pirâmide etária: Municípios do Estado de Goiás que compõem a RIDE-DF 2000/2010.

9 Gráfico 12 Pirâmide etária: Municípios do Estado de Minas Gerais que compõem a RIDE-DF 2000/2010. Considerações Finais De uma forma geral, as diferentes regiões que compõem a RIDE-DF apresentam dinâmicas diferentes, que podem trazer detalhes importantes. Apesar da enorme contribuição do DF na composição da RIDE-DF, as

10 dinâmicas de cada região apresentam mudanças significativas, como uma taxa de crescimento maior nos municípios de Goiás e uma taxa pequena para os municípios de Minas Gerais. Fato esse que possivelmente pode ser causado pela proximidade dos primeiros e o afastamento dos segundo do DF. Sendo que o DF é um grande pólo atrator na região em função das oportunidades de emprego e de forte concentração de concursos públicos. A pesquisa deve continuar, uma vez que se aguarda a liberação pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) dos dados finais do censo de Com esses dados será possível analisar as mudanças ocorridas no perfil da população entre os anos de 2000 e 2010 com maiores detalhes, permitindo a formulação de considerações mais profundas e definições de perspectivas para o desenvolvimento futuro dessa população. Bibliografia INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA. Documentação dos Microdados da Amostra do Censo Demográfico de Rio de Janeiro, INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA. Sinopse do Censo Demográfico Rio de Janeiro, LEVIN, Jack e FOX, James Alan. Estatística para Ciências Humanas. São Paulo, 9ed, Prentice Hall, RIBEIRO, Luiz César de Queirós, SILVA, Érica Tavares, RODRIGUES, Juciano e MOLINA, Arthur. O estado do Rio de Janeiro no Censo de Rio de Janeiro. Boletim do Observatório das Metrópoles, 185, III, 2011.

Geografia População (Parte 2)

Geografia População (Parte 2) 1. Estrutura Etária: Geografia População (Parte 2) A Transição Demográfica corresponde à mudança no perfil de idade dos habitantes, engloba proporções de crianças, jovens/adultos, idosos, homens e mulheres.

Leia mais

HETEROGENEIDADE REGIONAL

HETEROGENEIDADE REGIONAL HETEROGENEIDADE REGIONAL Miguel Matteo*1 Uma das faces da heterogeneidade estrutural é representada pela profunda desigualdade regional brasileira. A distribuição dos setores é profundamente desigual em

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de Betim, MG 30/07/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 346,8 km² IDHM 2010 0,749 Faixa do IDHM Alto (IDHM entre 0,700 e 0,799) (Censo 2010) 378089 hab. Densidade demográfica

Leia mais

Dinâmica Demográfica: Região Metropolitana de Salvador

Dinâmica Demográfica: Região Metropolitana de Salvador Dinâmica Demográfica: Região Metropolitana de Salvador Cláudia Monteiro Fernandes Por ocasião do Censo de 2000 a Região Metropolitana de Salvador era composta pelos municípios de Camaçari, Candeias, Dias

Leia mais

Pesquisa Mensal de Emprego

Pesquisa Mensal de Emprego Comunicação Social 25 de março de 2004 Pesquisa Mensal de Emprego Taxa de desocupação é de 12% em fevereiro Em fevereiro de 2004, a taxa de desocupação ficou estável tanto em relação ao mês anterior (11,7%)

Leia mais

Dinâmica populacional. Porto Alegre 2015

Dinâmica populacional. Porto Alegre 2015 Dinâmica populacional Porto Alegre 2015 Conceitos demográficos fundamentais a distribuição mundial Os diferentes aspectos demográficos, tais como população absoluta, densidade demográfica, crescimento

Leia mais

DETERMINANTES DO CRESCIMENTO DA RENDA

DETERMINANTES DO CRESCIMENTO DA RENDA DETERMINANTES DO CRESCIMENTO DA RENDA na região metropolitana do Rio de Janeiro entre 2010 e 2011 NOTA CONJUNTURAL DO OBSERVATÓRIO DAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO, JANEIRO DE

Leia mais

no Estado do Rio de Janeiro

no Estado do Rio de Janeiro MICROEMPREENDEDORES FORMAIS E INFORMAIS NOTA CONJUNTURAL DEZEMBRO DE 2013 Nº27 no Estado do Rio de Janeiro NOTA CONJUNTURAL DEZEMBRO DE 2013 Nº27 PANORAMA GERAL De acordo com a Pesquisa Nacional por Amostra

Leia mais

BOLETIM DO EMPREGO DE PANAMBI 1 Ano 2- N 5 Maio de 2015

BOLETIM DO EMPREGO DE PANAMBI 1 Ano 2- N 5 Maio de 2015 BOLETIM DO EMPREGO DE PANAMBI 1 Ano 2- N 5 Maio de 215 Laboratório de Gestão Laboratório de Economia Aplicada Projeto de Extensão: Apoio ao Desenvolvimento de Arranjos Produtivos Locais 1. Apresentação

Leia mais

PERFIL DAS MULHERES empreendedoras da Região Metropolitana do Rio de Janeiro

PERFIL DAS MULHERES empreendedoras da Região Metropolitana do Rio de Janeiro PERFIL DAS MULHERES empreendedoras da Região Metropolitana do Rio de Janeiro NOTA CONJUNTURAL DO OBSERVATÓRIO DAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO, JUNHO DE 2012 12 2012 PANORAMA GERAL

Leia mais

As metrópoles no Censo 2010: quem somos?

As metrópoles no Censo 2010: quem somos? w w w. o b s e r v a t o r i o d a s m e t r o p o l e s. n e t P á g i n a 1 As metrópoles no Censo 2010: quem somos? Introdução Os recentes dados divulgados na Sinopse do Censo Demográfico 2010, que

Leia mais

Boletim eletrônico trimestral sobre a participação das mulheres no mercado de trabalho a partir dos dados da - Pesquisa Mensal de Emprego do IBGE -

Boletim eletrônico trimestral sobre a participação das mulheres no mercado de trabalho a partir dos dados da - Pesquisa Mensal de Emprego do IBGE - Boletim eletrônico trimestral sobre a participação das mulheres no mercado de trabalho a partir dos dados da - Pesquisa Mensal de Emprego do IBGE - Elaboração: (SPM), Fundo de Desenvolvimento das Nações

Leia mais

Geografia População (Parte 1)

Geografia População (Parte 1) Geografia População (Parte 1) 1. População Mundial: Define-se população mundial como o número total de humanos vivos no planeta num dado momento. Em 31 de Outubro de 2011 a Organização das Nações Unidas

Leia mais

Previdência Social Brasília, junho de 2015

Previdência Social Brasília, junho de 2015 Previdência Social Brasília, junho de 2015 1 Década de 1980: A expectativa de vida ao nascer era de 62,5 anos; Transição demográfica no Brasil A maior concentração populacional estava na faixa até 19 anos

Leia mais

Exercícios de estrutura da população

Exercícios de estrutura da população Exercícios de estrutura da população Material de apoio do Extensivo 1. Os gráficos a seguir, extraídos do sítio eletrônico do IBGE, apresentam a distribuição da população brasileira por sexo e faixa etária

Leia mais

A SITUAÇÃO DA PRIMEIRA INFÂNCIA NAS REGIÕES PAULISTAS

A SITUAÇÃO DA PRIMEIRA INFÂNCIA NAS REGIÕES PAULISTAS 1 A SITUAÇÃO DA PRIMEIRA INFÂNCIA NAS REGIÕES PAULISTAS O detalhamento da distribuição das crianças de 0 a 5 anos de idade nas regiões paulistas ressalta a contribuição do Índice Paulista da Primeira Infância

Leia mais

Aumento de 2,69% no custo do cesto básico de produtos em fevereiro de 2016 em Chapecó

Aumento de 2,69% no custo do cesto básico de produtos em fevereiro de 2016 em Chapecó Publicação mensal do curso de Ciências Econômicas da Universidade Comunitária da Região de Chapecó Ano 21, Nº 02 Fevereiro/2016 Aumento de 2,69% no custo do cesto básico de produtos em fevereiro de 2016

Leia mais

Censo 2010: As Metrópoles na Dinâmica Demográfica

Censo 2010: As Metrópoles na Dinâmica Demográfica P á g i n a 1 Censo 2010: As Metrópoles na Dinâmica Demográfica Érica Tavares da Silva 1 Chegamos ao ano de 2010 com mais de 190 milhões de pessoas. Essa foi uma das expressões mais veiculadas em finais

Leia mais

PARTICIPAÇÃO FEMININA NO MERCADO DE TRABALHO BRASILEIRO 1

PARTICIPAÇÃO FEMININA NO MERCADO DE TRABALHO BRASILEIRO 1 PARTICIPAÇÃO FEMININA NO MERCADO DE TRABALHO BRASILEIRO 1 Ana Luiza Neves de Holanda Barbosa 2 1 INTRODUÇÃO Nas últimas décadas o papel da mulher na economia e na sociedade como um todo tem passado por

Leia mais

Maio 2004. São Paulo. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE

Maio 2004. São Paulo. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE Pesquisa Mensal de Emprego Maio 2004 Região Metropolitana de São Paulo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE 1 I) INTRODUÇÃO PESQUISA MENSAL DE EMPREGO ESTIMATIVAS PARA O MÊS DE MAIO DE

Leia mais

OCUPAÇÃO E EMPREENDEDORISMO NAS REGIÕES DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO: uma análise a partir do Censo 2010

OCUPAÇÃO E EMPREENDEDORISMO NAS REGIÕES DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO: uma análise a partir do Censo 2010 OCUPAÇÃO E EMPREENDEDORISMO NAS REGIÕES DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO: uma análise a partir do Censo 2010 NOTA CONJUNTURAL DO OBSERVATÓRIO DAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO, MAIO

Leia mais

2º ano do Ensino Médio. Ciências Humanas e suas Tecnologias Geografia

2º ano do Ensino Médio. Ciências Humanas e suas Tecnologias Geografia 2º ano do Ensino Médio Ciências Humanas e suas Tecnologias Geografia Sedentarização Crescimento populacional Revolução Industrial Formação da cidade (melhoria sanitária) Pós Guerra (1945) (avanço médico)

Leia mais

SOLUÇÃO DA PROVA DE MATEMÁTICA E RACIOCÍNIO LÓGICO DO INSS - 2008 TÉCNICO DO SEGURO SOCIAL PROVA BRANCA.

SOLUÇÃO DA PROVA DE MATEMÁTICA E RACIOCÍNIO LÓGICO DO INSS - 2008 TÉCNICO DO SEGURO SOCIAL PROVA BRANCA. SOLUÇÃO DA PROVA DE MATEMÁTICA E RACIOCÍNIO LÓGICO DO INSS - 2008 TÉCNICO DO SEGURO SOCIAL PROVA BRANCA. Professor Joselias www.concurseiros.org Março de 2008. Um dos indicadores de saúde comumente utilizados

Leia mais

ENVELHECIMENTO POPULACIONAL EM MINAS GERAIS: UMA ANÁLISE COMPARATIVA ENTRE A CAPITAL E O INTERIOR

ENVELHECIMENTO POPULACIONAL EM MINAS GERAIS: UMA ANÁLISE COMPARATIVA ENTRE A CAPITAL E O INTERIOR ENVELHECIMENTO POPULACIONAL EM MINAS GERAIS: UMA ANÁLISE COMPARATIVA ENTRE A CAPITAL E O INTERIOR Ana Paula Wendling Gomes Mestranda em Extensão Rural na Universidade Federal de Viçosa E-mail: anapaulawg@bol.com.br

Leia mais

A realidade do SAB para as crianças e adolescentes de 7 a 14 anos. O acesso à Educação

A realidade do SAB para as crianças e adolescentes de 7 a 14 anos. O acesso à Educação 33 A realidade do SAB para as crianças e adolescentes de 7 a 14 anos. Quase 5 milhões de crianças e adolescentes, com idade entre 7 e 14 anos (18,8% da população da região) vivem no Semi-árido. No Brasil,

Leia mais

NOTA TÉCNICA Nº 1. Governo do Estado da Bahia Secretaria do Planejamento (Seplan) Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI)

NOTA TÉCNICA Nº 1. Governo do Estado da Bahia Secretaria do Planejamento (Seplan) Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI) Governo do Estado da Bahia Secretaria do Planejamento (Seplan) Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI) Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) NOTA TÉCNICA Nº 1 resultados

Leia mais

Pernambuco. Tabela 1: Indicadores selecionados: mediana, 1º e 3º quartis nos municípios do estado de Pernambuco (1991, 2000 e 2010)

Pernambuco. Tabela 1: Indicadores selecionados: mediana, 1º e 3º quartis nos municípios do estado de Pernambuco (1991, 2000 e 2010) Pernambuco Em, no estado de Pernambuco (PE), moravam 8,8 milhões de pessoas, onde parcela relevante (7,4%; 648,7 mil habitantes) tinha 65 ou mais anos de idade. O estado era composto de 185 municípios,

Leia mais

Pesquisa de Avaliação dos Serviços Públicos de Florianópolis

Pesquisa de Avaliação dos Serviços Públicos de Florianópolis Pesquisa de Avaliação dos Serviços Públicos de Florianópolis A carga tributária brasileira é uma das mais elevadas do mundo, em 2011 ela chegou a 35% do PIB, valor extremamente elevado. Seria de se esperar

Leia mais

Brasil: saldo positivo na geração de empregos em todos os setores da economia

Brasil: saldo positivo na geração de empregos em todos os setores da economia Saldo positivo no mercado de trabalho em abril de 2012 Município registra geração de 280 vagas com registro em carteira neste mês, colocando-se em 21º lugar entre os maiores geradores de vagas Adriana

Leia mais

PESQUISA DE DIA DAS MÃES 2016

PESQUISA DE DIA DAS MÃES 2016 PESQUISA DE DIA DAS MÃES 2016 ASSESSORIA ECONÔMICA Sumário Executivo Resumo dos principais resultados da Pesquisa de Dia das Mães 2016 O número médio de presentes no Dia das Mães 2016 será de 1,24 unidades.

Leia mais

O Envelhecimento em Portugal

O Envelhecimento em Portugal O Envelhecimento em Portugal Situação demográfica e sócio-económica recente das pessoas idosas I. Enquadramento geral As expressões sublinhadas encontram-se explicadas no final do texto Consideram-se pessoas

Leia mais

Índice de Bem-Estar Urbano Local da Região Metropolitana de Manaus

Índice de Bem-Estar Urbano Local da Região Metropolitana de Manaus Índice de Bem-Estar Urbano Local da Região Metropolitana de Manaus Por João Luiz Nery Introdução: O Índice de Bem-estar Urbano (IBEU), desenvolvido pelo INCT Observatório das Metrópoles, resultou na publicação

Leia mais

Elaboração e Análise de Projetos

Elaboração e Análise de Projetos Elaboração e Análise de Projetos Análise de Mercado Professor: Roberto César ANÁLISE DE MERCADO Além de ser o ponto de partida de qualquer projeto, é um dos aspectos mais importantes para a confecção deste.

Leia mais

Censo Demográfico 2010. Características da população e dos domicílios: Resultados do Universo

Censo Demográfico 2010. Características da população e dos domicílios: Resultados do Universo Censo Demográfico 2010 Características da população e dos domicílios: Resultados do Universo Rio de Janeiro, 16 de novembro de 2011 INTRODUÇÃO Por convenção, denomina-se Universo, o conjunto de características

Leia mais

BRASIL: TÁBUA COMPLETA DE MORTALIDADE - 2010

BRASIL: TÁBUA COMPLETA DE MORTALIDADE - 2010 Diretoria de Pesquisas DPE Coordenação de População e Indicadores Sociais COPIS Gerência de Estudos e Análises da Dinâmica Demográfica - GEADD BRASIL: TÁBUA COMPLETA DE MORTALIDADE - 2010 Em cumprimento

Leia mais

Acre. Tabela 1: Indicadores selecionados: mediana, 1 o e 3 o quartis nos municípios do estado do Acre (1991, 2000 e 2010)

Acre. Tabela 1: Indicadores selecionados: mediana, 1 o e 3 o quartis nos municípios do estado do Acre (1991, 2000 e 2010) Acre Em, no estado do Acre (AC) moravam 734 mil pessoas, e uma parcela ainda pequena dessa população, 4,3% (32 mil) tinha 65 ou mais anos de idade. O estado era composto de 22 municípios, dos quais sete

Leia mais

Maio 2004. Belo Horizonte. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE

Maio 2004. Belo Horizonte. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE Pesquisa Mensal de Emprego Maio 2004 Região Metropolitana de Belo Horizonte Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE 1 PESQUISA MENSAL DE EMPREGO ESTIMATIVAS PARA O MÊS DE MAIO DE 2004 REGIÃO

Leia mais

ESTRUTURA ETÁRIA, BÔNUS DEMOGRÁFICO E POPULAÇÃO ECONOMICAMENTE ATIVA NO BRASIL. Cenários de Longo Prazo e suas Implicações para o Mercado de Trabalho

ESTRUTURA ETÁRIA, BÔNUS DEMOGRÁFICO E POPULAÇÃO ECONOMICAMENTE ATIVA NO BRASIL. Cenários de Longo Prazo e suas Implicações para o Mercado de Trabalho CAPÍTULO 12 ESTRUTURA ETÁRIA, BÔNUS DEMOGRÁFICO E POPULAÇÃO ECONOMICAMENTE ATIVA NO BRASIL Cenários de Longo Prazo e suas Implicações Mercado de Trabalho Objetivos Caracteriza o processo de transição demográfica

Leia mais

OBSERVATÓRIO DO TRABALHO DE DIADEMA

OBSERVATÓRIO DO TRABALHO DE DIADEMA OBSERVATÓRIO DO TRABALHO DE DIADEMA Relatório Semestral: O mercado de trabalho formal no município de Diadema em anos selecionados: 99,, e 6 Termo de Contrato Nº. 6/ MAIO de 8 SUMÁRIO Introdução 3. Análise

Leia mais

Diplomados com o Ensino Superior

Diplomados com o Ensino Superior Ensino dos 30 aos 34 anos - dados e projeções Julho de 2016 Direção-Geral de Estatísticas da Educação e Ciência Ensino Julho de 2016 Ensino dos 30 aos 34 anos - dados e projeções Esta nota técnica visa

Leia mais

Análise sobre a participação de negras e negros no sistema científico

Análise sobre a participação de negras e negros no sistema científico Análise sobre a participação de negras e negros no sistema científico Isabel Tavares 1 Maria Lúcia de Santana Braga 2 Betina Stefanello Lima 3 Em 213, o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico

Leia mais

Aumento do emprego contrasta com desindustrialização em SP e RJ

Aumento do emprego contrasta com desindustrialização em SP e RJ 3 set 2007 Nº 35 Aumento do emprego contrasta com desindustrialização em SP e RJ Por Antonio Marcos Ambrozio Economista da SAE Vagas na indústria de transformação foram deslocadas para outras regiões do

Leia mais

Sistema Integrado de Pesquisas Domiciliares

Sistema Integrado de Pesquisas Domiciliares 1 Rio de Janeiro, 17/01/2014 S I P D Sistema Integrado de Pesquisas Domiciliares O IBGE iniciou uma importante etapa no aprimoramento de seu sistema de pesquisas domiciliares, que propiciará maior eficácia

Leia mais

Primeiros resultados definitivos do Censo 2010: população do Brasil é de 190.755.799 pessoas

Primeiros resultados definitivos do Censo 2010: população do Brasil é de 190.755.799 pessoas Primeiros resultados definitivos do Censo 2010: população do Brasil é de 190.755.799 pessoas O Brasil tem 190.755.799 habitantes. É o que constata a Sinopse do Censo Demográfico 2010, que contém os primeiros

Leia mais

PROVA DE REDAÇÃO. A partir da leitura dos textos 1 e 2, desenvolva o seguinte tema: A GERAÇÃO NEM-NEM E O FUTURO DO PAÍS

PROVA DE REDAÇÃO. A partir da leitura dos textos 1 e 2, desenvolva o seguinte tema: A GERAÇÃO NEM-NEM E O FUTURO DO PAÍS UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE TRANSFERÊNCIA FACULTATIVA, REINGRESSO E MUDANÇA DE CURSO 2016 CADERNO DE REDAÇÃO INSTRUÇÕES AO CANDIDATO Você deverá ter recebido o Caderno com a Proposta de Redação, a

Leia mais

Nota Técnica 1 Déficit Habitacional no Brasil 2011-2012. Resultados Preliminares

Nota Técnica 1 Déficit Habitacional no Brasil 2011-2012. Resultados Preliminares Nota Técnica 1 Déficit Habitacional no Brasil 2011-2012 Resultados Preliminares Centro de Estatística e Informações - CEI Belo Horizonte, junho de 2014 NOTA TÉCNICA 1 DÉFICIT HABITACIONAL NO BRASIL 2011-2012:

Leia mais

2. Acidentes de trânsito: as vítimas

2. Acidentes de trânsito: as vítimas 2. trânsito: as vítimas Aula Interdisciplinar Indicação: 6º ao 9º Ano do Ensino Fundamental Os usuários mais vulneráveis representam quase a metade dos mortos no trânsito. Longe dos princípios de cidadania,

Leia mais

Farmácia. Indicadores das Graduações em Saúde Estação de Trabalho IMS/UERJ do ObservaRH

Farmácia. Indicadores das Graduações em Saúde Estação de Trabalho IMS/UERJ do ObservaRH Indicadores das Graduações em Saúde Estação de Trabalho IMS/UERJ do ObservaRH Farmácia Os cursos de Farmácia no Brasil foram criados em 1832, passando a funcionar nas Faculdades de Medicina da Bahia e

Leia mais

CONCENTRAÇÃO POPULACIONAL E FRAGMENTAÇÃO POLÍTICO- TERRITORIAL NO BRASIL: O CASO DE MINAS GERAIS. Fausto Brito 1 Cláudia J.G.

CONCENTRAÇÃO POPULACIONAL E FRAGMENTAÇÃO POLÍTICO- TERRITORIAL NO BRASIL: O CASO DE MINAS GERAIS. Fausto Brito 1 Cláudia J.G. CONCENTRAÇÃO POPULACIONAL E FRAGMENTAÇÃO POLÍTICO- TERRITORIAL NO BRASIL: O CASO DE MINAS GERAIS. Fausto Brito 1 Cláudia J.G. Horta 2 A dinâmica da sociedade e da economia brasileira, mediatizada pela

Leia mais

3.4.1.1 Análise dos dados

3.4.1.1 Análise dos dados 3.4.1.1 Análise dos dados Os dados do período são os seguintes: A realização de procedimentos de alta complexidade em cardiologia teve uma variação positiva no período de 1995 a 2000, da ordem de 40,8%

Leia mais

As Mulheres nos Mercados de Trabalho Metropolitanos

As Mulheres nos Mercados de Trabalho Metropolitanos As Mulheres nos Mercados de Trabalho Metropolitanos Taxa de participação feminina diminuiu em boa parte das regiões E ntre 2013 e 2014, a proporção de mulheres com 10 anos ou mais inseridas no mercado

Leia mais

Educação e Escolaridade

Educação e Escolaridade Já existe certo consenso de que um dos grandes obstáculos para o crescimento da economia brasileira é a capacitação dos nossos trabalhadores, sendo que boa parte desse processo ocorre nas escolas e universidades.

Leia mais

Renda, pobreza e desigualdade no Espírito Santo

Renda, pobreza e desigualdade no Espírito Santo Renda, pobreza e desigualdade no Espírito Santo Valéria Pero Leonardo Rangel 1. O avanço do Espírito Santo na última década O desempenho da economia do Espírito Santo na última década foi muito superior

Leia mais

Maranhão. Tabela 1: Indicadores selecionados: mediana, 1º e 3º quartis nos municípios do estado do Maranhão (1991, 2000 e 2010)

Maranhão. Tabela 1: Indicadores selecionados: mediana, 1º e 3º quartis nos municípios do estado do Maranhão (1991, 2000 e 2010) Maranhão Em, no estado do Maranhão (MA), moravam 6,6 milhões de pessoas, onde parcela considerável (6,%, 396, mil) tinha 65 ou mais anos de idade. O estado era composto de 217 municípios, dos quais um

Leia mais

Tábuas Completas de Mortalidade por Sexo e Idade Brasil 2012

Tábuas Completas de Mortalidade por Sexo e Idade Brasil 2012 Tábuas Completas de Mortalidade por Sexo e Idade Brasil 2012 Breve análise da mortalidade no período 2011-2012 2 Presidenta da República Dilma Rousseff Ministra do Planejamento, Orçamento e Gestão Miriam

Leia mais

ipea 1 Introdução NOTA TÉCNICA Sergei Soares* 1

ipea 1 Introdução NOTA TÉCNICA Sergei Soares* 1 A Distribuição dos Rendimentos do Trabalho e a Queda da Desigualdade de 1995 a 2009 Sergei Soares* 1 1 Introdução A edição de 2009 da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad), do Instituto Brasileiro

Leia mais

Pesquisa de. Dia dos Namorados

Pesquisa de. Dia dos Namorados ASSESSORIA ECONÔMICA Pesquisa de Dia dos Namorados 2014 Pesquisa realizada pelo Instituto Fecomércio de Pesquisa - IFEP Relatório elaborado pela Assessoria Econômica Fecomércio-RS PESQUISA DIA DOS NAMORADOS

Leia mais

Tendências recentes da atividade econômica em Araxá: empresas, trabalho formal

Tendências recentes da atividade econômica em Araxá: empresas, trabalho formal Tendências recentes da atividade econômica em Araxá: empresas, trabalho formal OBSERVATÓRIO SEDEP Estudos e Pesquisas I Set/ APRESENTAÇÃO O Observatório SEDEP é um acompanhamento de estatísticas econômico-sociais

Leia mais

Os Processos de Construção e Implementação de Políticas Públicas para Crianças e Adolescentes em Situação de Rua 1

Os Processos de Construção e Implementação de Políticas Públicas para Crianças e Adolescentes em Situação de Rua 1 1 Os Processos de Construção e Implementação de Políticas Públicas para Crianças e Adolescentes em Situação de Rua 1 Boletim de Pesquisa n. 2, outubro de 2009. Um projeto do Centro Internacional de Estudos

Leia mais

O LICENCIAMENTO DE NOVAS CONSTRUÇÕES NO PERÍODO 2000-2004

O LICENCIAMENTO DE NOVAS CONSTRUÇÕES NO PERÍODO 2000-2004 A ZONA SUL DO RIO DE JANEIRO EM NÚMEROS: O LICENCIAMENTO DE NOVAS CONSTRUÇÕES NO PERÍODO 2000-2004 Rose Compans Assessora U/GAB 1. Introdução: A zona sul do Rio de Janeiro é a região mais valorizada do

Leia mais

Município de Chapecó tem aumento de 0,75% no preço da gasolina em janeiro de 2016

Município de Chapecó tem aumento de 0,75% no preço da gasolina em janeiro de 2016 Publicação mensal do curso de Ciências Econômicas da Universidade Comunitária da Região de Chapecó Ano 5, Nº 1 Janeiro/2016 Município de Chapecó tem aumento de 0,75% no preço da gasolina em janeiro de

Leia mais

1) Por que pode-se afirmar que o capitalismo provocou o surgimento das cidades? Explique.

1) Por que pode-se afirmar que o capitalismo provocou o surgimento das cidades? Explique. 1) Por que pode-se afirmar que o capitalismo provocou o surgimento das cidades? Explique. 2) Por que Pirâmides Etárias de base larga são tão comuns no continente africano?. 3) Quais as principais características

Leia mais

A PROCURA DE EMPREGO DOS DIPLOMADOS

A PROCURA DE EMPREGO DOS DIPLOMADOS A PROCURA DE EMPREGO DOS DIPLOMADOS COM HABILITAÇÃO SUPERIOR Em Fevereiro de 2008, o GPEARI do Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior publicou o segundo relatório sobre a procura de emprego

Leia mais

Erros e Incertezas. Rafael Alves Batista Instituto de Física Gleb Wataghin Universidade Estadual de Campinas (Dated: 10 de Julho de 2011.

Erros e Incertezas. Rafael Alves Batista Instituto de Física Gleb Wataghin Universidade Estadual de Campinas (Dated: 10 de Julho de 2011. Rafael Alves Batista Instituto de Física Gleb Wataghin Universidade Estadual de Campinas (Dated: 10 de Julho de 2011.) I. INTRODUÇÃO Quando se faz um experimento, deseja-se comparar o resultado obtido

Leia mais

Retropolação. Tabela 1 - Participação (%) e taxa acumulada (1995-2007) do PIB a preços de mercado, segundo unidades da federação

Retropolação. Tabela 1 - Participação (%) e taxa acumulada (1995-2007) do PIB a preços de mercado, segundo unidades da federação Retropolação O IBGE divulga a retropolação das Contas Regionais do Brasil até 1995, que se junta a divulgação do ano de 2007, assim sendo fica disponível uma série de 1995 a 2007. Os resultados retropolados

Leia mais

PERSISTÊNCIA DO PODER POLÍTICO E DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO: O CASO DA TRANSIÇÃO DE REGIME NO BRASIL

PERSISTÊNCIA DO PODER POLÍTICO E DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO: O CASO DA TRANSIÇÃO DE REGIME NO BRASIL PERSISTÊNCIA DO PODER POLÍTICO E DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO: O CASO DA TRANSIÇÃO DE REGIME NO BRASIL Aluno: Rafael Campos de Mattos Orientador: Claudio Ferraz Introdução Nas últimas décadas, observou-se

Leia mais

4.1. Variáveis meteorológicas para previsão de carga

4.1. Variáveis meteorológicas para previsão de carga 4 Curvas de carga A grande aspiração de toda concessionária de energia elétrica é modelar suas curvas de carga para que se possa fazer uma previsão mais próxima do valor real, conseguindo assim um bom

Leia mais

Cordilheira Alta. Distribuição dos alunos matriculados no município de Cordilheira Alta em 2005

Cordilheira Alta. Distribuição dos alunos matriculados no município de Cordilheira Alta em 2005 Cordilheira Alta Informações Gerais O município de Cordilheira Alta está localizado na mesorregião oeste, distante 566 Km da Capital. De colonização Italiana, tem uma população de 3.093 habitantes, sendo

Leia mais

SPDEMOGRÁFICO Resenha de Estatísticas Vitais do Estado de São Paulo

SPDEMOGRÁFICO Resenha de Estatísticas Vitais do Estado de São Paulo SPDEMOGRÁFICO Resenha de Estatísticas Vitais do Estado de São Paulo Ano 4 nº 7 Dezembro 2003 Dezembro, o mês d casament Os dad recentes do Censo Demográfico e d Cartóri do Registro Civil retratam relevantes

Leia mais

Com aumento do custo da cesta básica em junho, família Chapecoense necessita de 0,458 salários para adquirir

Com aumento do custo da cesta básica em junho, família Chapecoense necessita de 0,458 salários para adquirir Publicação mensal do curso de Ciências Econômicas da Universidade Comunitária da Região de Chapecó Ano 21, Nº 06 Junho/2016 Com aumento do custo da cesta básica em junho, família Chapecoense necessita

Leia mais

Alto Bela Vista. Distribuição dos alunos matriculados no município de Alto Bela Vista em 2005

Alto Bela Vista. Distribuição dos alunos matriculados no município de Alto Bela Vista em 2005 Alto Bela Vista Informações Gerais O município de Alto Bela Vista está localizado na mesorregião oeste, distante 503 Km da Capital. De colonização Italiana e Alemã, tem uma população de 2.098 habitantes,

Leia mais

Bela Vista do Toldo. Distribuição dos alunos matriculados no município de Bela Vista do Toldo em 2005

Bela Vista do Toldo. Distribuição dos alunos matriculados no município de Bela Vista do Toldo em 2005 Bela Vista do Toldo Informações Gerais O município de Bela Vista do Toldo está localizado na mesorregião norte, distante 382 Km da Capital. De colonização Italiana, Alemã, Polonesa, Ucraniana e Japonesa,

Leia mais

Pesquisa de Percepção dos Serviços Públicos de Blumenau

Pesquisa de Percepção dos Serviços Públicos de Blumenau Pesquisa de Percepção dos Serviços Públicos de Blumenau A carga tributária brasileira é uma das mais elevadas do mundo, em 2011 ela chegou a 35% do PIB, valor extremamente elevado. Seria de se esperar

Leia mais

As Licenciaturas nas Instituições Comunitárias de Ensino Superior (ICES)

As Licenciaturas nas Instituições Comunitárias de Ensino Superior (ICES) As Licenciaturas nas Instituições Comunitárias de Ensino Superior (ICES) - relatório preliminar da pesquisa- 1. Instituições participantes A pesquisa obteve respostas de 35 ICES, filiadas à ABRUC. 1 Centro

Leia mais

População Jovem no Brasil

População Jovem no Brasil Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE Diretoria de Pesquisas Departamento de População e Indicadores Sociais Estudos e Pesquisas Informação

Leia mais

Estudo Temático: Desigualdade de Raça e Gênero no Mercado de Trabalho Formal na Região Metropolitana de Campinas NOVEMBRO DE 2009

Estudo Temático: Desigualdade de Raça e Gênero no Mercado de Trabalho Formal na Região Metropolitana de Campinas NOVEMBRO DE 2009 OBSERVATÓRIO DO TRABALHO DE CAMPINAS Estudo Temático: Desigualdade de Raça e Gênero no Mercado de Trabalho Formal na Região Metropolitana de Campinas NOVEMBRO DE 2009 Termo de Contrato Nº. 65/2009 2009

Leia mais

Consumo nacional deve chegar a R$ 3,9 tri neste ano, mas expansão se mantém fora do eixo das capitais, diz estudo

Consumo nacional deve chegar a R$ 3,9 tri neste ano, mas expansão se mantém fora do eixo das capitais, diz estudo Consumo nacional deve chegar a R$ 3,9 tri neste ano, mas expansão se mantém fora do eixo das capitais, diz estudo Através da análise dos dados entre 2015 e 2016, o estudo IPC Maps mostra que o consumo

Leia mais

BOLETIM CAGED Cadastro Geral de Empregados e Desempregados. FEVEREIRO - 2016 Comportamento do Emprego - Limeira/SP.

BOLETIM CAGED Cadastro Geral de Empregados e Desempregados. FEVEREIRO - 2016 Comportamento do Emprego - Limeira/SP. BOLETIM CAGED Cadastro Geral de Empregados e Desempregados FEVEREIRO - 216 Comportamento do Emprego - Limeira/SP. A Consultoria Técnica Especializada da Câmara Municipal de Limeira apresenta os dados do

Leia mais

CODEPLAN TAMANHO DAS TORCIDAS DOS PRINCIPAIS CLUBES DO FUTEBOL BRASILEIRO NO DISTRITO FEDERAL

CODEPLAN TAMANHO DAS TORCIDAS DOS PRINCIPAIS CLUBES DO FUTEBOL BRASILEIRO NO DISTRITO FEDERAL COMPANHIA DE PLANEJAMENTO DO DISTRITO FEDERAL CODEPLAN TAMANHO DAS TORCIDAS DOS PRINCIPAIS CLUBES DO FUTEBOL BRASILEIRO NO DISTRITO FEDERAL Júlio Miragaya, com colaboração de Samuel Castro Maio de 2013

Leia mais

MODERNIZAÇÃO AGRÍCOLA E ESTRUTURA FUNDIÁRIA: ANÁLISE DA MICRORREGIÃO DE ALFENAS-MG

MODERNIZAÇÃO AGRÍCOLA E ESTRUTURA FUNDIÁRIA: ANÁLISE DA MICRORREGIÃO DE ALFENAS-MG MODERNIZAÇÃO AGRÍCOLA E ESTRUTURA FUNDIÁRIA: ANÁLISE DA MICRORREGIÃO DE ALFENAS-MG MAYARA FONTES DANTAS 1 e FLAMARION DUTRA ALVES 2 mayarafdantas@hotmail.com, flamarion.dutra@unifal-mg.edu.br ¹Discente

Leia mais

Síntese do panorama da economia brasileira 3

Síntese do panorama da economia brasileira 3 Síntese do panorama da economia brasileira 3 O - PIB, no ano de 2012, acumulou crescimento de 1,0% em relação ao ano anterior. Em 2011, o crescimento acumulado no ano havia sido de 2,7%. Em função desse

Leia mais

BOLETIM DIEESE OS DOMICÍLIOS BRASILEIROS E A CHEFIA FEMININA. Edição especial março de 2004

BOLETIM DIEESE OS DOMICÍLIOS BRASILEIROS E A CHEFIA FEMININA. Edição especial março de 2004 BOLETIM DIEESE Edição especial março de 24 A MULHER CHEFE DE DOMICÍLIO E A INSERÇÃO FEMININA NO MERCADO DE TRABALHO Dois fatos recentes merecem a atenção em relação à questão de gênero no Brasil: o incremento

Leia mais

Sinopse Estatística do Ensino Superior Graduação - 1999

Sinopse Estatística do Ensino Superior Graduação - 1999 Sinopse Estatística do Ensino Superior - 1999,QVWLWXWRÃ1DFLRQDOÃGHÃ(VWXGRV HÃ3HVTXLVDVÃ(GXFDFLRQDLV Brasília-DF, 2000 1 0,1,67e5,2 '$Ã('8&$d 2 TIRAGEM: 4.500 exemplares INEP MEC Esplanada dos Ministérios,

Leia mais

DIVISÃO REGIONAL DO BRASIL MÓDULO 04 PARTE I

DIVISÃO REGIONAL DO BRASIL MÓDULO 04 PARTE I DIVISÃO REGIONAL DO BRASIL MÓDULO 04 PARTE I CONCEITO DE REGIÃO REGIONALIZAR o espaço geográfico é dividi-lo em regiões, levando em conta as diferenças de paisagens e a organização socioeconômica das diversas

Leia mais

MÉTODOS E TÉCNICAS DE MENSURAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO DE MOVIMENTOS MIGRATÓRIOS

MÉTODOS E TÉCNICAS DE MENSURAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO DE MOVIMENTOS MIGRATÓRIOS MÉTODOS E TÉCNICAS DE MENSURAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO DE MOVIMENTOS MIGRATÓRIOS ERNESTO FRIEDRICH DE LIMA AMARAL (PRC/Univ.Texas) ROBERTO DO NASCIMENTO RODRIGUES (CEDEPLAR/UFMG) MOEMA GONÇALVES BUENO FÍGOLI

Leia mais

Diretoria de Pesquisas Coordenação de Serviços e Comércio - COSEC PESQUISA MENSAL DE SERVIÇOS PMS

Diretoria de Pesquisas Coordenação de Serviços e Comércio - COSEC PESQUISA MENSAL DE SERVIÇOS PMS Diretoria de Pesquisas Coordenação de Serviços e Comércio - COSEC PESQUISA MENSAL DE SERVIÇOS PMS 18/07/2013 OBJETIVO Acompanhar o desempenho conjuntural do setor de serviços, através de indicadores mensais,

Leia mais

A NOVA DINÂMICA DOS PLANOS DE SAÚDE

A NOVA DINÂMICA DOS PLANOS DE SAÚDE A NOVA DINÂMICA DOS PLANOS DE SAÚDE Carina Burri Martins José Cechin Superintendente Executivo 1 Apresentação Esse trabalho analisa dados divulgados pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) em

Leia mais

Com base na análise elaborada em cada concelho, torna-se possível explicitar as grandes linhas de convergência e de divergência existentes entre eles.

Com base na análise elaborada em cada concelho, torna-se possível explicitar as grandes linhas de convergência e de divergência existentes entre eles. Com base na análise elaborada em cada concelho, torna-se possível explicitar as grandes linhas de convergência e de divergência existentes entre eles. TABELA 1. ASPECTOS GLOBAIS DA POPULAÇÃO DO ARQUIPÉLAGO

Leia mais

NO ÂMBITO DA OCUPAÇÃO

NO ÂMBITO DA OCUPAÇÃO PRINCIPAIS DESTAQUES DA EVOLUÇÃO DO MERCADO DE TRABALHO NAS SEIS REGIõES METROPOLITANAS DO PAÍS ABRANGIDAS PELA PESQUISA MENSAL DE EMPREGO DO IBGE (RECiFE, SALVADOR, BELO HORIZONTE, RIO DE JANEIRO, SÃO

Leia mais

ANÁLISE DA EVOLUÇÃO DO CUSTO DA CESTA BÁSICA DE IJUÍ, RS 1

ANÁLISE DA EVOLUÇÃO DO CUSTO DA CESTA BÁSICA DE IJUÍ, RS 1 ANÁLISE DA EVOLUÇÃO DO CUSTO DA CESTA BÁSICA DE IJUÍ, RS 1 Andressa Schiavo 2, Fabiani Schemmer 3, José Valdemir Muenchen 4, Dilson Trennepohl 5, Vinicio Golin De Senna 6, Rayan Bonadiman 7. 1 Trabalho

Leia mais

ESTRUTURAS ETÁRIAS DA POPULAÇÃO DO BRASIL E DOS ESTADOS BRASILEIROS

ESTRUTURAS ETÁRIAS DA POPULAÇÃO DO BRASIL E DOS ESTADOS BRASILEIROS ESTRUTURAS ETÁRIAS DA POPULAÇÃO DO BRASIL E DOS ESTADOS BRASILEIROS Barbara-Christine Nentwig Silva 1, Sylvio Bandeira de Mello e Silva 2, Araori Silva Coelho 3 e Maina Pirajá Silva 4 Resumo O trabalho

Leia mais

Estudo Sobre Arrecadação de IPVA e sua Proporcionalidade em Relação à Frota de Veículos e à População Brasileira

Estudo Sobre Arrecadação de IPVA e sua Proporcionalidade em Relação à Frota de Veículos e à População Brasileira Março 2015 COORDENAÇÃO João Eloi Olenike Gilberto Luiz do Amaral Letícia Mary Fernandes do Amaral Cristiano Yazbek Estudo Sobre Arrecadação de IPVA e sua Proporcionalidade em Relação à Frota de Veículos

Leia mais

HIV/AIDS NO ENTARDECER DA VIDA RESUMO

HIV/AIDS NO ENTARDECER DA VIDA RESUMO HIV/AIDS NO ENTARDECER DA VIDA Iolanda Cristina da Costa (1) ; Regina Célia Teixeira (2) ; (1) Graduanda de Psicologia; Centro Universitário de Itajubá- FEPI; Iolanda.cristina@yahoo.com.br; (2) Professora/orientadora;

Leia mais

ICEI Índice de Confiança do Empresário Industrial Julho/07 Interiorização da Sondagem

ICEI Índice de Confiança do Empresário Industrial Julho/07 Interiorização da Sondagem Resultado do ICEI - Índice de Confiança do Empresário Industrial - nas Regionais FIESP Projeto de de Opinião CNI (DEPAR/DEPECON) Introdução A Sondagem Industrial é uma pesquisa qualitativa realizada trimestralmente

Leia mais

AGOSTO DE 2013 2 LIGEIRA REDUÇÃO DA TAXA DE DESEMPREGO

AGOSTO DE 2013 2 LIGEIRA REDUÇÃO DA TAXA DE DESEMPREGO MERCADO DE TRABALHO METROPOLITANO 1 AGOSTO DE 2013 2 LIGEIRA REDUÇÃO DA TAXA DE DESEMPREGO As informações captadas pela Pesquisa de Emprego e Desemprego revelam ligeira redução da taxa de desemprego e

Leia mais

ELABORAÇÃO DE INDICADORES SOCIAIS

ELABORAÇÃO DE INDICADORES SOCIAIS 1 ELABORAÇÃO DE INDICADORES SOCIAIS Ernesto Friedrich de Lima Amaral 25 de março de 2009 Universidade Federal de Minas Gerais Faculdade de Ciências Humanas e Filosofia Departamento de Sociologia e Antropologia

Leia mais

Experiência Brasileira

Experiência Brasileira SEGUNDA REUNIÓN REGIONAL SOBRE EVALUACIÓN Y ESTIMACIONES DEMOGRÁFICAS CON BASE EN INFORMACION CENSAL Análisis de la mortalidad adulta Experiência Brasileira Santiago, Chile, 11 al 16 junio de 2012 Tábuas

Leia mais

Comparação dos resultados das pesquisas Origem-Destino de 2002 e 2012. Tiago Esteves Gonçalves da Costa

Comparação dos resultados das pesquisas Origem-Destino de 2002 e 2012. Tiago Esteves Gonçalves da Costa Comparação dos resultados das pesquisas Origem-Destino de 2002 e 2012 Tiago Esteves Gonçalves da Costa PRINCIPAIS ALTERAÇÕES OBSERVADAS NA MOBILIDADE COTIDIANA DA RMBH ENTRE 2002 E 2012 Aumento no número

Leia mais

Salário mínimo, indexação e impactos na Seguridade brasileira

Salário mínimo, indexação e impactos na Seguridade brasileira Salário mínimo, indexação e impactos na Seguridade brasileira Paulo Tafner São Paulo Março de 216. Previdência Social Os fatos Previdência Social Brasileira - 214 (% do PIB) Previdência Social Brasileira

Leia mais