ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO"

Transcrição

1 ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO Página 1 de 18

2 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO VIMCO emulsão para injeção para ovelhas e cabras. 2. Composição qualitativa e quantitativa Uma dose (2 ml) contém: Substância ativa: Staphylococcus aureus inativo, revelando um biofilme da estirpe SP ,98 SaCC * * Contagem de células de Staphylococcus aureus em logaritmo de base 10. Adjuvante: Parafina líquida ,2 mg Excipiente: Álcool benzílico mg Para a lista completa de excipientes, ver secção FORMA FARMACÊUTICA Emulsão para injeção. Homogénea cor de marfim. 4. INFORMAÇÕES CLÍNICAS 4.1 Espécie(s)-alvo Ovelhas e cabras. 4.2 Indicações de utilização, especificando as espécies-alvo Para imunização ativa de ovelhas saudáveis com problemas de mastite, para reduzir a incidência de mastite subclínica (redução de lesões dos úberes, contagem de células somáticas e de S. aureus) provocada por Staphylococcus aureus. Para imunização ativa de cabras saudáveis com mastite, para reduzir a incidência de mastite subclínica provocada por Staphylococcus aureus e estafilococos coagulase negativa. Se, no entanto, surgir mastite clínica devido a estafilococos coagulase negativa, a gravidade dos sintomas clínicos (aspeto dos úberes e do leite) é reduzida. O início e a duração da imunidade não foram estabelecidos. 4.3 Contra-indicações Não existem. 4.4 Advertências especiais <para cada espécie-alvo> Página 2 de 18

3 Todo o rebanho deve ser imunizado. A imunização deve ser considerada como um componente num programa complexo de controlo de mastite que aborde todos os fatores de saúde dos úberes (por exemplo técnica de ordenha, secagem e gestão de criação, higiene, nutrição, camas, conforto dos animais, qualidade do ar e da água, controlo da saúde) e outras práticas de gestão. 4.5 Precauções especiais de utilização Precauções especiais para utilização em animais Vacinar apenas animais saudáveis. Precauções especiais a adotar pela pessoa que administra o medicamento aos animais Aviso ao utilizador: Este medicamento veterinário contém óleo mineral. A injeção acidental ou a auto-injeção pode provocar dor intensa e tumefação, em particular se injetado numa articulação ou dedo, podendo, em casos raros, resultar na perda do dedo afetado, caso não sejam prestados cuidados médicos imediatos. Em caso de injeção acidental, e ainda que a quantidade injetada seja mínima, consulte imediatamente um médico e mostre-lhe o folheto informativo do medicamento. Se as dores persistirem por mais de 12 horas após o exame médico, consulte novamente o médico. Aviso ao médico: Este medicamento veterinário contém óleo mineral. A injeção acidental, ainda que numa quantidade mínima, pode provocar tumefação intensa que pode resultar, por exemplo, em necrose isquémica e, caso a zona afetada seja um dedo, na perda deste. É necessário prestar IMEDIATAMENTE cuidados cirúrgicos, podendo ser necessário proceder à incisão precoce e à irrigação da zona injetada, em especial se esta envolver os tecidos moles ou o tendão de um dedo. 4.6 Reações adversas (frequência e gravidade) Reações adversas muito comuns: - Inchaço ligeiro no local da injeção com menos de 2 cm de diâmetro, que desaparece dentro de 12 dias, no máximo. Reações adversas comuns: - Inchaço no local da injeção superior a 5 cm de diâmetro, que desaparece dentro de 3 dias, no máximo. - Pode ocorrer um aumento gradual da temperatura corporal de até 1,8 ºC entre as primeiras 4 horas e 3 dias depois da injeção, que irá desaparecer espontaneamente dentro de alguns dias, sem prejudicar o estado de saúde do animal. A frequência dos eventos adversos é definida utilizando a seguinte convenção: - Muito comum (mais de 1 em 10 animais apresentando evento(s) adverso(s) durante o decurso de um tratamento) - Comum (mais de 1 mas menos de 10 animais em 100 animais) - Pouco frequentes (mais de 1 mas menos de 10 animais em animais) - Raros (mais de 1 mas menos de 10 animais em animais) - Muito rara (menos de 1 animal em animais, incluindo relatos isolados) Página 3 de 18

4 4.7 Utilização durante a gestação, a lactação ou a postura de ovos Pode ser administrado durante a gestação e a lactação 4.8 Interações medicamentosas e outras formas de interação Não existe informação disponível sobre a segurança e a eficácia desta vacina quando utilizada com qualquer outro medicamento veterinário. A decisão da administração desta vacina antes ou após a administração de outro medicamento veterinário, deve ser tomada caso-a caso e tendo em consideração a especificidade da situação. 4.9 Posologia e via de administração Uso intramuscular. Permitir que a vacina alcance uma temperatura entre +15 e +25 ºC antes da administração. Agitar antes de usar. Idade mínima de vacinação: 8 meses Administrar uma dose (2 ml) através de injeção intramuscular profunda nos músculos do pescoço 5 semanas antes da data esperada do parto e administrar uma segunda dose 3 semanas depois do mesmo. O esquema de vacinação básico deve se repetido antes de cada lactação. Todo o rebanho deve estar imunizado Sobredosagem (sintomas, procedimentos de emergência, antídotos), se necessário Pode ocorrer um aumento gradual da temperatura corporal de cerca de 1 ºC, em alguns animais, até 1,8 ºC, nas primeiras horas após a injeção de uma dose dupla. Depois da injeção de uma dose dupla podem surgir tumefações de até 5 cm de diâmetro que desaparecem dentro de 7-9 dias Intervalo(s) de segurança Zero dias. 5. PROPRIEDADES IMUNOLÓGICAS Para estimular a imunização ativa contra Staphylococcus aureus em ovelhas, para reduzir a incidência de mastite subclínica. Para estimular a imunização ativa contra Staphylococcus aureus e estafilococos coagulase negativa em cabras, para reduzir a incidência de mastite subclínica e contra estafilococos coagulase negativa para reduzir a gravidade dos sintomas clínicos. Grupo farmacoterapêutico: Inactivated bacterial vaccines. Código ATCvet: QI03AB e QI04AB. Página 4 de 18

5 6. INFORMAÇÕES FARMACÊUTICAS 6.1 Lista de excipientes Álcool benzílico Parafina líquida. Monooleato de sorbitano. Polissorbato 80. Alginato de sódio. Cloreto de cálcio, di-hidratado. Simeticone. Solução de PBS. Água para injetáveis. 6.2 Incompatibilidades Não misturar com qualquer outro medicamento veterinário. 6.3 Prazo de validade Prazo de validade do medicamento veterinário tal como embalado para venda: 18 meses Prazo de validade após a primeira abertura do acondicionamento primário: 10 horas, armazenado a uma temperatura entre +15 e +25 ºC. 6.4 Precauções especiais de conservação Conservar e transportar refrigerado (2ºC - 8ºC). Proteger da luz. Não congelar. 6.5 Natureza e composição do acondicionamento primário Ampolas de vidro transparente tipo I de 10 ml, 50 ml e 100 ml, fechadas com tampões em borracha e tampas de alumínio. Tamanhos das embalagens: Caixa de cartão com 1 ampola de 5 doses (10 ml). Caixa de cartão com 1 ampola de 25 doses (50 ml). Caixa de cartão com 1 ampola de 50 doses (100 ml). É possível que não sejam comercializadas todas as apresentações 6.6 Precauções especiais para a eliminação de medicamentos veterinários não utilizados ou de desperdícios derivados da utilização desses medicamentos O medicamento veterinário não utilizado ou os seus desperdícios devem ser eliminados de acordo com a legislação em vigor. 7. TITULAR DA AUTORIZAÇÃO DE INTRODUÇÃO NO MERCADO Página 5 de 18

6 LABORATORIOS HIPRA, S.A. Avda. la Selva, Amer (Girona) Espanha 8. NÚMERO DA AUTORIZAÇÃO DE INTRODUÇÃO NO MERCADO 872/01/14DIVPT 9. DATA DA PRIMEIRA AUTORIZAÇÃO/RENOVAÇÃO DA AUTORIZAÇÃO 28 de Abril de DATA DE REVISÃO DO TEXTO Abril de 2014 PROIBIÇÃO DE VENDA, FORNECIMENTO E/OU UTILIZAÇÃO Não aplicável. Página 6 de 18

7 ANEXO III ROTULAGEM E FOLHETO INFORMATIVO Página 7 de 18

8 A. ROTULAGEM Página 8 de 18

9 INDICAÇÕES A INCLUIR NO ACONDICIONAMENTO SECUNDÁRIO E ACONDICIONAMENTO PRIMÁRIO {CAIXAS DE CARTÃO E RÓTULO DE 50 DOSES} 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO VIMCO emulsão para injeção para ovelhas e cabras. 2. DESCRIÇÃO DAS SUBSTÂNCIAS ACTIVAS E OUTRAS SUBSTÂNCIAS Uma dose (2 ml) contém: Staphylococcus aureus inativo, revelando um biofilme da estirpe SP ,98 SaCC * * Contagem de células de Staphylococcus aureus em logaritmo de base 10. Parafina líquida ,2 mg Álcool benzílico mg 3. FORMA FARMACÊUTICA Emulsão para injeção. Homogénea cor de marfim. 4. DIMENSÃO DA EMBALAGEM 5 doses (10 ml). 25 doses (50 ml). 50 doses (100 ml). 5. ESPÉCIES-ALVO Ovelhas e cabras. 6. INDICAÇÃO (INDICAÇÕES) Para imunização ativa de ovelhas saudáveis com problemas de mastite, para reduzir a incidência de mastite subclínica (redução de lesões dos úberes, contagem de células somáticas e de S. aureus) provocada por Staphylococcus aureus. Para imunização ativa de cabras saudáveis com mastite, para reduzir a incidência de mastite subclínica provocada por Staphylococcus aureus e estafilococos coagulase negativa. No entanto, se surgir mastite clínica devido a estafilococos coagulase negativa, a gravidade dos sintomas clínicos (aspeto dos úberes e do leite) é reduzida. O início e a duração da imunidade não foram estabelecidos. 7. MODO E VIA(S) DE ADMINISTRAÇÃO Administração intramuscular. Página 9 de 18

10 Antes de utilizar, leia o folheto informativo. 8. INTERVALO DE SEGURANÇA Zero dias. 9. ADVERTÊNCIA(S) ESPECIAL (ESPECIAIS), SE NECESSÁRIO A INJEÇÃO ACIDENTAL É PERIGOSA. 10. PRAZO DE VALIDADE VAL {mês/ano} Após a primeira abertura utilizar no prazo de 10 horas. 11. CONDIÇÕES ESPECIAIS DE CONSERVAÇÃO Conservar e transportar refrigerado (2ºC - 8ºC). Proteger da luz. Não congelar. 12. PRECAUÇÕES ESPECIAIS DE ELIMINAÇÃO DO MEDICAMENTO NÃO UTILIZADO OU DOS SEUS DESPERDÍCIOS, SE FOR CASO DISSO Eliminar os desperdícios de acordo com os requisitos locais. 13. MENÇÃO EXCLUSIVAMENTE PARA USO VETERINÁRIO E CONDIÇÕES OU RESTRIÇÕES RELATIVAS AO FORNECIMENTO E À UTILIZAÇÃO, se for caso disso Uso veterinário Medicamento veterinário sujeito a receita médico-veterinária. 14. MENÇÃO MANTER FORA DA VISTA E DO ALCANCE DAS CRIANÇAS Manter fora da vista e do alcance das crianças. 15. NOME E ENDEREÇO DO TITULAR DA AUTORIZAÇÃO DE INTRODUÇÃO NO MERCADO LABORATORIOS HIPRA, S.A. Avda. la Selva, Amer (Girona) Espanha Página 10 de 18

11 Representante Local: ARBUSET, Produtos Farmacêuticos e Sanitários De Uso Animal, Lda. Portela de Mafra e Fontaínha - Abrunheira Malveira - PORTUGAL NÚMERO DA AUTORIZAÇÃO DE INTRODUÇÃO NO MERCADO 872/01/14DIVPT 17. NÚMERO DO LOTE DE FABRICO Lote {número} Página 11 de 18

12 INDICAÇÕES MÍNIMAS A INCLUIR EM PEQUENAS UNIDADES DE ACONDICIONAMENTO PRIMÁRIO {RÓTULO} 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO VIMCO emulsão para injeção para ovelhas e cabras. 2. COMPOSIÇÃO QUANTITATIVA DA(S) SUBSTÂNCIA(S) ATIVA(S) Uma dose (2 ml) contém: Staphylococcus aureus inativo, revelando um biofilme da estirpe SP ,98 SaCC * * Contagem de células de Staphylococcus aureus em logaritmo de base CONTEÚDO EM PESO, VOLUME OU NÚMERO DE DOSES 5 doses (10 ml). 25 doses (50 ml). 4. VIA(S) DE ADMINISTRAÇÃO Administração intramuscular. 5. INTERVALO DE SEGURANÇA Prazo de validade: Zero dias 6. NÚMERO DO LOTE Lote {número} 7. PRAZO DE VALIDADE VAL {MM/AAAA} Após a primeira abertura, utilizar dentro de 10 horas armazenado a uma temperatura entre +15 e +25ºC. 8. MENÇÃO EXCLUSIVAMENTE PARA USO VETERINÁRIO Uso veterinário Página 12 de 18

13 Representante Local: ARBUSET, Produtos Farmacêuticos e Sanitários De Uso Animal, Lda. Portela de Mafra e Fontaínha - Abrunheira Malveira - PORTUGAL Página 13 de 18

14 B. FOLHETO INFORMATIVO Página 14 de 18

15 FOLHETO INFORMATIVO PARA: VIMCO emulsão para injeção para ovelhas e cabras. 1. NOME E ENDEREÇO DO TITULAR DA AUTORIZAÇÃO DE INTRODUÇÃO NO MERCADO E DO TITULAR DA AUTORIZAÇÃO DE FABRICO RESPONSÁVEL PELA LIBERTAÇÃO DO LOTE, SE FOREM DIFERENTES Titular da autorização de introdução no mercado> e <fabricante responsável pela libertação dos lotes: LABORATORIOS HIPRA, S.A. Avda. la Selva, Amer (Girona) SPAIN 2. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO VIMCO emulsão para injeção para ovelhas e cabras. 3. DESCRIÇÃO DA(S) SUBSTÂNCIA(S) ATIVA(S) E OUTRA(S) SUBSTÂNCIA(S) Uma dose (2 ml) contém: Staphylococcus aureus inativo, revelando um biofilme da estirpe SP ,98 SaCC * * Contagem de células de Staphylococcus aureus em logaritmo de base 10. Parafina líquida ,2 mg Álcool benzílico mg Emulsão para injeção. Homogénea cor de marfim 4. INDICAÇÃO (INDICAÇÕES) Para imunização ativa de ovelhas saudáveis com problemas de mastite, para reduzir a incidência de mastite subclínica (redução de lesões dos úberes, contagem de células somáticas e de S. aureus) provocada por Staphylococcus aureus. Para imunização ativa de cabras saudáveis com mastite, para reduzir a incidência de mastite subclínica provocada por Staphylococcus aureus e estafilococos coagulase negativa. Se, no entanto, surgir mastite clínica devido a estafilococos coagulase negativa, a gravidade dos sintomas clínicos (aspeto dos úberes e do leite) é reduzida. O início e a duração da imunidade não foram estabelecidos. 5. CONTRA-INDICAÇÕES Não existem. Página 15 de 18

16 6. REAÇÕES ADVERSAS Reações adversas muito comuns: - Inchaço ligeiro no local da injeção com menos de 2 cm de diâmetro, que desaparece dentro de 12 dias, no máximo. Reações adversas comuns: - Inchaço no local da injeção superior a 5 cm de diâmetro, que desaparece dentro de 3 dias, no máximo. - Pode ocorrer um aumento gradual da temperatura corporal de até 1,8 ºC entre as primeiras 4 horas e 3 dias depois da injeção, que irá desaparecer espontaneamente dentro de alguns dias, sem prejudicar o estado de saúde do animal. A frequência dos eventos adversos é definida utilizando a seguinte convenção: - Muito comum (mais de 1 em 10 animais apresentando evento(s) adverso(s) durante o decurso de um tratamento) - Comum (mais de 1 mas menos de 10 animais em 100 animais) - Pouco frequentes (mais de 1 mas menos de 10 animais em animais) - Raros (mais de 1 mas menos de 10 animais em animais) - Muito rara (menos de 1 animal em animais, incluindo relatos isolados) Caso detete efeitos graves ou outros efeitos não mencionados neste folheto, informe o seu médico veterinário. 7. ESPÉCIES-ALVO Ovelhas e cabras. 8. DOSAGEM EM FUNÇÃO DA ESPÉCIE, VIA(S) E MODO DE ADMINISTRAÇÃO Administração intramuscular. Permitir que a vacina alcance uma temperatura entre +15 e +25 ºC antes da administração. Agitar antes de usar. Idade mínima de vacinação: 8 meses Administrar uma dose (2 ml) através de injeção intramuscular profunda nos músculos do pescoço 5 semanas antes da data esperada do parto e administrar uma segunda dose 3 semanas depois do mesmo. O esquema de vacinação básico deve se repetido antes de cada lactação. 9. INSTRUÇÕES COM VISTA A UMA UTILIZAÇÃO CORRETA 10. INTERVALO DE SEGURANÇA Zero dias 11. PRECAUÇÕES ESPECIAIS DE CONSERVAÇÃO Página 16 de 18

17 Manter fora da vista e do alcance das crianças. Conservar e transportar refrigerado (2 ºC - 8ºC). Proteger da luz. Não congelar. Não administrar depois de expirado o prazo de validade indicado no rótulo depois de VAL. Prazo de validade após a primeira abertura do recipiente: 10 horas, armazenado a uma temperatura entre +15 e +25 ºC. 12. ADVERTÊNCIA(S) ESPECIAL(IS) Precauções especiais para utilização em animais Todo o rebanho deve ser imunizado. A imunização deve ser considerada como um componente num programa complexo de controlo de mastite que aborde todos os fatores de saúde dos úberes (por exemplo técnica de ordenha, secagem e gestão de criação, higiene, nutrição, camas, conforto dos animais, qualidade do ar e da água, controlo da saúde) e outras práticas de gestão. Precauções especiais a adotar pela pessoa que administra o medicamento aos animais Aviso ao utilizador: Este medicamento veterinário contém óleo mineral. A injeção acidental ou a auto-injeção pode provocar dor intensa e tumefação, em particular se injetado numa articulação ou dedo, podendo, em casos raros, resultar na perda do dedo afetado, caso não sejam prestados cuidados médicos imediatos. Em caso de injeção acidental, e ainda que a quantidade injetada seja mínima, consulte imediatamente um médico e mostre-lhe o folheto informativo do medicamento. Se as dores persistirem por mais de 12 horas após o exame médico, consulte novamente o médico. Aviso ao médico: Este medicamento veterinário contém óleo mineral. A injeção acidental, ainda que numa quantidade mínima, pode provocar tumefação intensa que pode resultar, por exemplo, em necrose isquémica e, caso a zona afetada seja um dedo, na perda deste. É necessário prestar IMEDIATAMENTE cuidados cirúrgicos, podendo ser necessário proceder à incisão precoce e à irrigação da zona injetada, em especial se esta envolver os tecidos moles ou o tendão de um dedo. Gestação / Lactação / Postura de ovos: Pode ser administrado durante a gestação e a lactação Interação com outros medicamentos e outras formas de interação: Não existe informação disponível sobre a segurança e a eficácia desta vacina quando utilizada com qualquer outro medicamento veterinário. A decisão da administração desta vacina antes ou após a administração de outro medicamento veterinário deve ser tomada caso-a caso e tendo em consideração a especificidade da situação. Dosagem excessiva (sintomas, procedimentos de emergência, antídotos): Pode ocorrer um aumento gradual da temperatura corporal de cerca de 1 ºC, em alguns animais, até 1,8 ºC, nas primeiras horas após a injeção de uma dose dupla. Depois da injeção de uma dose dupla podem surgir tumefações de até 5 cm de diâmetro que desaparecem dentro de 7-9 dias. Página 17 de 18

18 Incompatibilidades: Não misturar com outros medicamentos veterinários. 13. PRECAUÇÕES ESPECIAIS DE ELIMINAÇÃO DO MEDICAMENTO NÃO UTILIZADO OU DOS SEUS DESPERDÍCIOS, SE FOR CASO DISSO O medicamento veterinário não utilizado ou os seus desperdícios devem ser eliminados de acordo com a legislação em vigor. 14. DATA DA ÚLTIMA APROVAÇÃO DO FOLHETO INFORMATIVO Abril de OUTRAS INFORMAÇÕES Tamanhos das embalagens: Caixa de cartão com 1 ampola de 5 doses (10 ml). Caixa de cartão com 1 ampola de 25 doses (50 ml). Caixa de cartão com 1 ampola de 50 doses (100 ml). É possível que não sejam comercializadas todas as apresentações. Para quaisquer informações sobre este medicamento veterinário, queira contactar o representante local do titular da Autorização de Introdução no Mercado. Representante Local: ARBUSET, Produtos Farmacêuticos e Sanitários De Uso Animal, Lda. Portela de Mafra e Fontaínha - Abrunheira Malveira - PORTUGAL Página 18 de 18

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO 1 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO Purevax FeLV Suspensão injectável 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Cada dose de 1 ml contém: Substância(s)

Leia mais

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO Página 1 de 16 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO Nobivac Rabies, suspensão injetável destinada a cães, gatos, bovinos e equinos. 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA

Leia mais

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO Página 1 de 14 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO NOBILIS MG 6/85 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Substâncias ativas: Por dose de vacina reconstituída:

Leia mais

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO Página 1 de 17 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO VIMCO emulsão para injeção para ovelhas e cabras. 2. Composição qualitativa e quantitativa Uma dose (2

Leia mais

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO Página 1 de 15 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO Covinan 100 mg/ml suspensão injetável para cães e gatos. 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Cada ml contém:

Leia mais

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO 1 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO Velactis 1,12 mg/ml solução injetável para bovinos 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Cada ml contém: Substância

Leia mais

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO. Chronogest CR, 20 mg, esponja vaginal de libertação controlada para ovinos.

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO. Chronogest CR, 20 mg, esponja vaginal de libertação controlada para ovinos. RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO Chronogest CR, 20 mg, esponja vaginal de libertação controlada para ovinos. 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Cada esponja

Leia mais

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO GLUCOVET Solução injectável 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Cada ml de solução injectável contém: Substâncias activas

Leia mais

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO VETZYME CHAMPÔ INSECTICIDA JDS 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Substância(s) activa(s): % p/p Permetrina (Cis:

Leia mais

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO Página 1 de 19 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO DOX 100 mg/g pó oral para bovinos, suínos e aves (frangos e perus) 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA

Leia mais

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO. Dolorex 10 mg/ml, solução injetável para equinos, caninos e felinos.

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO. Dolorex 10 mg/ml, solução injetável para equinos, caninos e felinos. RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO Dolorex 10 mg/ml, solução injetável para equinos, caninos e felinos. 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Cada ml contém:

Leia mais

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO 1 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO Equilis Prequenza Te, suspensão injetável para equinos 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Por dose de 1 ml:

Leia mais

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO Página 1 de 12 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO Paracilina SP 800 mg, pó para solução oral. 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Cada grama contém: Substância

Leia mais

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO Página 1 de 12 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO Coliplus 2.000.000 UI/ml Concentrado para Solução Oral para uso na água da bebida em Bovinos, Ovinos, Suínos,

Leia mais

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO 1 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO Panacur AquaSol 200 mg/ml suspensão oral para água de bebida para suínos e galinhas 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA

Leia mais

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO 1 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO Nobivac L4, suspensão injetável para cães 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Cada dose de 1 ml contém: Substâncias

Leia mais

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO 1 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO Suprelorin 4,7 mg implante para cães 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Substância activa: 4,7 mg de deslorelina

Leia mais

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO 1 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO ERYSENG PARVO suspensão injetável para suínos 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Cada dose de 2 ml contém: Substâncias

Leia mais

HALOCUR 0,5 mg/ml solução oral PT 4

HALOCUR 0,5 mg/ml solução oral PT 4 ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO PRODUTO HALOCUR 0,5 mg/ml solução oral PT 4 1. DENOMINAÇÃO DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO HALOCUR 0.5 mg/ml solução oral 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA 2.1 Princípio(s)

Leia mais

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO 1 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO MS-H Vacina colírio, suspensão 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Substância(s) activa(s): Uma dose (30 µl)

Leia mais

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO Nobivac Myxo-RHD liofilizado e solvente para suspensão injectável para coelhos 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA

Leia mais

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO 1 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO Bravecto 112,5 mg comprimidos mastigáveis para cães de porte muito pequeno (2-4,5 kg) Bravecto 250 mg comprimidos

Leia mais

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO Página 1 de 9 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO DIXIE CHAMPO ANTIPARASITARIO 0.4 g/l para cães 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA 1 L champo: Substância

Leia mais

Projecto de resumo de características do produto de uso veterinário a) Nome do PUV Ciper

Projecto de resumo de características do produto de uso veterinário a) Nome do PUV Ciper Projecto de resumo de características do produto de uso veterinário a) Nome do PUV Ciper b) Nome ou designação social e domicílio ou sede do responsável pela autorização de venda (AV) e do fabricante;

Leia mais

Folheto informativo: Informação para o Utilizador

Folheto informativo: Informação para o Utilizador Folheto informativo: Informação para o Utilizador Bromexina Inpharma 0,2%, xarope Bromexina, cloridrato Leia com atenção todo este folheto antes de começar a tomar este medicamento, pois contém informação

Leia mais

Adjuvante mucolítico do tratamento antibacteriano das infeções respiratórias, em presença de hipersecreção brônquica.

Adjuvante mucolítico do tratamento antibacteriano das infeções respiratórias, em presença de hipersecreção brônquica. Folheto informativo: Informação para o utilizador Mucoral 20 mg/ml xarope Carbocisteína Leia com atenção todo este folheto antes de começar a tomar este medicamento pois contém informação importante para

Leia mais

1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO. FRONTLINE SPOT-ON GATOS 50 mg, solução para unção punctiforme 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA

1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO. FRONTLINE SPOT-ON GATOS 50 mg, solução para unção punctiforme 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO FRONTLINE SPOT-ON GATOS 50 mg, solução para unção punctiforme 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Cada pipeta de 0,5 ml contém: Substância activa: Fipronil 50,00

Leia mais

1. O que é Bisolvon Linctus Criança e para que é utilizado

1. O que é Bisolvon Linctus Criança e para que é utilizado Folheto informativo: Informação para o utilizador Bisolvon Linctus Criança 0,8 mg/ml Xarope Cloridrato de bromexina Leia com atenção todo este folheto antes de começar a tomar este medicamento pois contém

Leia mais

Zymafluor é utilizado para prevenir o aparecimento de cáries nos dentes.

Zymafluor é utilizado para prevenir o aparecimento de cáries nos dentes. Folheto informativo: Informação para o utilizador Zymafluor, 2,52 mg/ml, gotas orais, solução Fluoreto de sódio Leia com atenção todo este folheto antes de começar a tomar este medicamento pois contém

Leia mais

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO 1 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO Posatex, gotas auriculares, suspensão, para cães 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Substâncias ativas: Orbifloxacina

Leia mais

Não tome Doxivenil Se tem alergia ao dobesilato de cálcio ou a qualquer outro componente deste medicamento (indicados na secção 6)

Não tome Doxivenil Se tem alergia ao dobesilato de cálcio ou a qualquer outro componente deste medicamento (indicados na secção 6) Folheto informativo: Informação para o utilizador Doxivenil 500 mg cápsula Dobesilato de cálcio Leia com atenção todo este folheto antes de começar a tomar este medicamento pois contém informação importante

Leia mais

Folheto informativo: Informação para o utilizador. Broncoliber 3 mg/ml xarope. Ambroxol

Folheto informativo: Informação para o utilizador. Broncoliber 3 mg/ml xarope. Ambroxol Folheto informativo: Informação para o utilizador Broncoliber 3 mg/ml xarope Ambroxol Leia com atenção todo este folheto antes de começar a tomar este medicamento pois contém informação importante para

Leia mais

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO Página 1 de 15 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO Porceptal 4 microgramas/ml solução injetável para suínos 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Por ml: Substância

Leia mais

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR. Broncoliber 50 mg/ml solução oral 10 mg/pulverização (0,2 ml) Cloridrato de ambroxol

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR. Broncoliber 50 mg/ml solução oral 10 mg/pulverização (0,2 ml) Cloridrato de ambroxol FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR Broncoliber 50 mg/ml solução oral 10 mg/pulverização (0,2 ml) Cloridrato de ambroxol Este folheto contém informações importantes para si. Leia-o atentamente.

Leia mais

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO 1.NOME DO MEDICAMENTO Corsodyl Dental 2 mg/ml solução para lavagem da boca 2.COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Cada mililitro de Corsodyl Dental solução para

Leia mais

FOLHETO INFORMATIVO. Folheto informativo: Informação para o utilizador. Proglau 20 mg/ml Colírio, solução Dorzolamida

FOLHETO INFORMATIVO. Folheto informativo: Informação para o utilizador. Proglau 20 mg/ml Colírio, solução Dorzolamida FOLHETO INFORMATIVO Folheto informativo: Informação para o utilizador Proglau 20 mg/ml Colírio, solução Dorzolamida Leia com atenção todo este folheto antes de começar a utilizar este medicamento pois

Leia mais

2.O que precisa de saber antes de utilizar Frisolona Forte

2.O que precisa de saber antes de utilizar Frisolona Forte Folheto informativo: Informação para o utilizador Frisolona Forte 10 mg/ml colírio, suspensão Prednisolona, acetato Leia com atenção todo este folheto antes de começar a utilizar este medicamento pois

Leia mais

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO 1 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO Equilis Prequenza Te, suspensão injetável para equinos 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Por dose de 1 ml:

Leia mais

1. O QUE É PARACETAMOL BLUEPHARMA E PARA QUE É UTILIZADO. Grupo Farmacoterapêutico: 2.10 - Sistema Nervoso Central - Analgésicos e antipiréticos

1. O QUE É PARACETAMOL BLUEPHARMA E PARA QUE É UTILIZADO. Grupo Farmacoterapêutico: 2.10 - Sistema Nervoso Central - Analgésicos e antipiréticos Folheto Informativo Informação para o utilizador Paracetamol Bluepharma Paracetamol Este folheto contém informações importantes para si. Leia-o atentamente Este medicamento pode ser adquirido sem receita

Leia mais

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO Página 1 de 15 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO Fertagyl, 0,1 mg/ml solução injetável para bovinos e coelhos. 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Cada ml

Leia mais

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR. 1. O QUE É Doxazosina Normon E PARA QUE É UTILIZADA

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR. 1. O QUE É Doxazosina Normon E PARA QUE É UTILIZADA FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR Doxazosina Normon 2 mg comprimidos Doxazosina Normon 4 mg comprimidos Doxazosina APROVADO EM Leia atentamente este folheto antes de tomar este medicamento.

Leia mais

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO Página 1 de 17 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO Cepravin DC 250 mg, Suspensão intramamária para bovinos 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Cada seringa

Leia mais

Este folheto contém informações importantes para si. Leia-o atentamente.

Este folheto contém informações importantes para si. Leia-o atentamente. FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR Oxolamina, 10 mg/ml, xarope Oxolamina, citrato Este folheto contém informações importantes para si. Leia-o atentamente. É necessário utilizar Oxolamina

Leia mais

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR Omacor 1000 mg cápsulas moles Ésteres etílicos 90 do ácido ómega-3 Leia atentamente este folheto antes de tomar este medicamento. - Conserve este folheto.

Leia mais

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR Inflexal V, suspensão injetável Vacina contra a gripe (antigénio de superfície, inativada, virossómica) Leia atentamente o folheto antes de você ou o seu

Leia mais

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO Página 1 de 14 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO Taktic 12,5% p/v, Concentrado emulsão de imersão para bovinos, ovinos e suínos. 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA

Leia mais

As ampolas de Nolotil também não deverão ser utilizadas em:

As ampolas de Nolotil também não deverão ser utilizadas em: Folheto informativo: Informação para o utilizador Nolotil 2000 mg/5 ml solução injetável Metamizol magnésico Leia com atenção todo este folheto antes de começar a utilizar este medicamento pois contém

Leia mais

Forma farmacêutica e apresentação Xarope Embalagem contendo 100 ml com copo medida graduado.

Forma farmacêutica e apresentação Xarope Embalagem contendo 100 ml com copo medida graduado. Ultrafer ferro polimaltosado Forma farmacêutica e apresentação Xarope Embalagem contendo 100 ml com copo medida graduado. USO ADULTO E PEDIÁTRICO VIA ORAL Composição Cada ml de xarope contém: ferro polimaltosado...

Leia mais

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR DORMIDINA 25 mg, Pó Efervescente Succinato de Doxilamina APROVADO EM Este folheto contém informações importantes para si. Leia-o atentamente. Este medicamento

Leia mais

Folheto informativo: Informação para o utilizador. Norcuron 4 mg pó para solução injetável Norcuron 10 mg pó para solução injetável

Folheto informativo: Informação para o utilizador. Norcuron 4 mg pó para solução injetável Norcuron 10 mg pó para solução injetável Folheto informativo: Informação para o utilizador Norcuron 4 mg pó para solução injetável Norcuron 10 mg pó para solução injetável Brometo de vecurónio Leia com atenção todo este folheto antes de começar

Leia mais

ANEXO I CONCLUSÕES CIENTÍFICAS APRESENTADAS PELA EMEA

ANEXO I CONCLUSÕES CIENTÍFICAS APRESENTADAS PELA EMEA ANEXO I CONCLUSÕES CIENTÍFICAS APRESENTADAS PELA EMEA CONCLUSÕES CIENTÍFICAS O fundamento do procedimento de arbitragem foi o intervalo de segurança de zero dias.os Países Baixos mostraram-se inquietos

Leia mais

DIGEDRAT. (maleato de trimebutina)

DIGEDRAT. (maleato de trimebutina) DIGEDRAT (maleato de trimebutina) Cosmed Indústria de Cosméticos e Medicamentos S.A. Cápsula mole 200mg I - IDENTIFICAÇÃO DO DIGEDRAT maleato de trimebutina APRESENTAÇÕES Cápsula mole Embalagens contendo

Leia mais

OFTPRED. Suspensão Oftálmica Estéril. acetato de prednisolona 10 mg/ml BULA PARA O PACIENTE LATINOFARMA INDÚSTRIAS FARMACÊUTICAS LTDA

OFTPRED. Suspensão Oftálmica Estéril. acetato de prednisolona 10 mg/ml BULA PARA O PACIENTE LATINOFARMA INDÚSTRIAS FARMACÊUTICAS LTDA OFTPRED LATINOFARMA INDÚSTRIAS FARMACÊUTICAS LTDA Suspensão Oftálmica Estéril acetato de prednisolona 10 mg/ml BULA PARA O PACIENTE COLÍRIO OFTPRED acetato de prednisolona 1,0% APRESENTAÇÕES Suspensão

Leia mais

APROVADO EM 04-08-2011 INFARMED. Folheto Informativo: Informação para o utilizador. Paracetamol Azevedos, 500 mg, comprimidos Paracetamol

APROVADO EM 04-08-2011 INFARMED. Folheto Informativo: Informação para o utilizador. Paracetamol Azevedos, 500 mg, comprimidos Paracetamol Folheto Informativo: Informação para o utilizador Paracetamol Azevedos, 500 mg, comprimidos Paracetamol Leia com atenção todo este folheto antes de começar a tomar este medicamento pois contém informação

Leia mais

Neo Fresh. (carmelose sódica)

Neo Fresh. (carmelose sódica) Neo Fresh (carmelose sódica) Brainfarma Indústria Química e Farmacêutica S.A. Solução oftálmica estéril 5mg/mL (0,5%) I - IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO: NEO FRESH carmelose sódica 0,5% APRESENTAÇÃO Solução

Leia mais

BULA PARA O PACIENTE

BULA PARA O PACIENTE BULA PARA O PACIENTE Modelo de texto de bula Aldara imiquimode Forma farmacêutica: Creme Apresentação: Cartucho contendo 6 (12) sachês com 250 mg Aldara (imiquimode) deve ser administrado da seguinte forma:

Leia mais

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR Maxilase 200 U.CEIP/ml Xarope Alfa - Amilase Leia atentamente este folheto antes de tomar utilizar este medicamento. - Conserve este folheto. Pode ter

Leia mais

cicloplegicedol 10 mg/ml colírio, solução

cicloplegicedol 10 mg/ml colírio, solução FOLHETO INFORMATIVO FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR cicloplegicedol 10 mg/ml colírio, solução Cloridrato de ciclopentolato Leia atentamente este folheto antes de utilizar o medicamento.

Leia mais

Pepsa-lax é um medicamento pertencente ao grupo farmacoterapêutico dos laxantes expansores do volume fecal.

Pepsa-lax é um medicamento pertencente ao grupo farmacoterapêutico dos laxantes expansores do volume fecal. Folheto Informativo: informação para o utilizador Pepsa-lax 3,5 g, Pó para suspensão oral Plantago ovata Forssk (Ispaghula Husk) Leia com atenção todo este folheto antes de começar a tomar este medicamento,

Leia mais

REGISTRO DE PRODUTOS VETERINÁRIOS FORMULÁRIO DE REGISTRO DE VACINAS DE SUBUNIDADES OBTIDAS POR MÉTODOS BIOTECNOLÓGICOS

REGISTRO DE PRODUTOS VETERINÁRIOS FORMULÁRIO DE REGISTRO DE VACINAS DE SUBUNIDADES OBTIDAS POR MÉTODOS BIOTECNOLÓGICOS CAMEVET Cód.: TRÂMITE Data de vigência REGISTRO DE PRODUTOS VETERINÁRIOS FORMULÁRIO DE REGISTRO DE VACINAS DE SUBUNIDADES OBTIDAS POR MÉTODOS BIOTECNOLÓGICOS REPRESENTACIÓN REGIONAL DE LA OIE PARA LAS

Leia mais

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO Página 1 de 18 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO CUNIPRAVAC-RHD emulsão injectável para coelhos 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Composição por dose (0,5

Leia mais

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO Página 1 de 21 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO FRONTLINE COMBO SPOT-ON CÃES S (2-10 Kg) 67 mg solução para unção punctiforme 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA

Leia mais

Vacina de Rotavírus Humano Vivo Atenuado

Vacina de Rotavírus Humano Vivo Atenuado cepa RIX4414 (vírus atenuados) I ) Identificação do medicamento FORMAS FARMACÊUTICAS E APRESENTAÇÕES USO PEDIÁTRICO Vacina liofilizada para ser reconstituída antes da administração oral. A VACINA DE ROTAVÍRUS

Leia mais

BAYCUTEN N I) IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO. clotrimazol acetato de dexametasona

BAYCUTEN N I) IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO. clotrimazol acetato de dexametasona I) IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO BAYCUTEN N clotrimazol acetato de dexametasona FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÃO USO ADULTO E PEDIÁTRICO USO TÓPICO Baycuten N é apresentado em bisnagas contendo 20, 30

Leia mais

Tratamento sintomático antiespasmódico das vias urinárias associado a cateterismo e citoscopia.

Tratamento sintomático antiespasmódico das vias urinárias associado a cateterismo e citoscopia. FOLHETO INFORMATIVO URISPÁS, 200 mg, comprimidos revestidos Cloridrato de Flavoxato Leia atentamente este folheto antes de tomar este medicamento. - conserve este folheto. Pode ter necessidade de o reler.

Leia mais

Modelo de Texto de Bula. betametasona (como 17-valerato)... 1mg (0,1% p/p) veículo: (carbopol, álcool isopropílico e água purificada q.s.p)...

Modelo de Texto de Bula. betametasona (como 17-valerato)... 1mg (0,1% p/p) veículo: (carbopol, álcool isopropílico e água purificada q.s.p)... Betnovate valerato de betametasona Capilar FORMAS FARMACÊUTICAS E APRESENTAÇÕES: BETNOVATE Capilar é uma solução transparente, levemente viscosa, contendo 17-valerato de betametasona a 0,1% p/p. O veículo

Leia mais

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO Página 1 de 16 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO Receptal, 0,004 mg/ml solução aquosa injetável destinada a vacas, éguas, porcas e coelhas. 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA

Leia mais

Abbott Laboratórios do Brasil Ltda Rua Michigan 735, Brooklin São Paulo - SP CEP: 04566-905

Abbott Laboratórios do Brasil Ltda Rua Michigan 735, Brooklin São Paulo - SP CEP: 04566-905 MODELO DE BULA PARA O PACIENTE SYNAGIS palivizumabe I - IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO APRESENTAÇÕES Pó liófilo injetável de: - 100 mg em embalagem com 01 frasco-ampola para dose única contendo palivizumabe

Leia mais

RESOLUÇÃO - RDC Nº 55, DE 10 DE NOVEMBRO DE 2009

RESOLUÇÃO - RDC Nº 55, DE 10 DE NOVEMBRO DE 2009 DOU Nº 217, de 13/11/2009 Seção 1 RESOLUÇÃO - RDC Nº 55, DE 10 DE NOVEMBRO DE 2009 Dispõe sobre Regulamento Técnico para Produtos Saneantes Categorizados como Água Sanitária e Alvejantes à Base de Hipoclorito

Leia mais

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR. Leia atentamente este folheto antes de tomar este medicamento.

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR. Leia atentamente este folheto antes de tomar este medicamento. FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR Flumazenilo Teva 0,1 mg/ml solução injetável Flumazenilo Leia atentamente este folheto antes de tomar este medicamento. - Conserve este folheto. Pode ter

Leia mais

ACICLOVIR. Geolab Indústria Farmacêutica S/A Creme 50mg/g

ACICLOVIR. Geolab Indústria Farmacêutica S/A Creme 50mg/g ACICLOVIR Geolab Indústria Farmacêutica S/A Creme 50mg/g MODELO DE BULA PARA O PACIENTE Esta bula é continuamente atualizada. Favor proceder a sua leitura antes de utilizar o medicamento. aciclovir Medicamento

Leia mais

ANADOR PRT paracetamol 750 mg. Forma farmacêutica e apresentação Comprimidos 750 mg: embalagem com 20 e 256 comprimidos.

ANADOR PRT paracetamol 750 mg. Forma farmacêutica e apresentação Comprimidos 750 mg: embalagem com 20 e 256 comprimidos. ANADOR PRT paracetamol 750 mg Antitérmico e analgésico Forma farmacêutica e apresentação Comprimidos 750 mg: embalagem com 20 e 256 comprimidos. Outra forma farmacêutica e apresentação Solução oral: frasco

Leia mais

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR Broncho-Vaxom Adulto 7 mg cápsulas, duras Broncho-Vaxom Infantil 3,5 mg cápsulas, duras Broncho-Vaxom 3,5 mg granulado Lisado bacteriano liofilizado. Leia

Leia mais

APROVADO EM 04-03-2013 INFARMED FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR. Ottoflox 3 mg/ml Gotas auriculares, solução Ofloxacina

APROVADO EM 04-03-2013 INFARMED FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR. Ottoflox 3 mg/ml Gotas auriculares, solução Ofloxacina FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR Ottoflox 3 mg/ml Gotas auriculares, solução Ofloxacina Leia atentamente este folheto antes de utilizar este medicamento. - Conserve este folheto. Pode

Leia mais

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR Periogard 0,2 % solução bucal Cloro-hexidina, gluconato Este folheto contém informações importantes para si. Leia-o atentamente. Este medicamento pode

Leia mais

Flagass. Aché Laboratórios Farmacêuticos S.A. Cápsula Mole 125 mg

Flagass. Aché Laboratórios Farmacêuticos S.A. Cápsula Mole 125 mg Flagass Aché Laboratórios Farmacêuticos S.A. Cápsula Mole 125 mg BULA PARA PACIENTE Bula de acordo com a Resolução-RDC nº 47/2009 I- IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO FLAGASS CAPS simeticona APRESENTAÇÕES Cápsula

Leia mais

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR. Optiray 160 mg Iodo/ml, Solução injectável ou para perfusão

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR. Optiray 160 mg Iodo/ml, Solução injectável ou para perfusão FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR Optiray 160 mg Iodo/ml, Solução injectável ou para perfusão Substância activa: Ioversol Leia atentamente este folheto antes de tomar este medicamento.

Leia mais

BULA DE NALDECON DOR COMPRIMIDOS

BULA DE NALDECON DOR COMPRIMIDOS BULA DE NALDECON DOR COMPRIMIDOS BRISTOL-MYERS SQUIBB NALDECON DOR paracetamol Dores em geral Febre Uma dose = 2 comprimidos FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÃO NALDECON DOR é apresentado em displays com

Leia mais

Antrofi promestrieno. Eurofarma Laboratórios S.A. Creme vaginal 10 mg/g

Antrofi promestrieno. Eurofarma Laboratórios S.A. Creme vaginal 10 mg/g Antrofi promestrieno Eurofarma Laboratórios S.A. Creme vaginal 10 mg/g Antrofi promestrieno CREME VAGINAL FORMAS FARMACÊUTICAS E APRESENTAÇÕES APRESENTAÇÕES Bisnaga com 30 g de creme vaginal acompanhada

Leia mais

omeprazol Biosintética Farmacêutica Ltda. cápsulas 20 mg

omeprazol Biosintética Farmacêutica Ltda. cápsulas 20 mg omeprazol Biosintética Farmacêutica Ltda. cápsulas 20 mg BULA PARA PACIENTE Bula de acordo com a Resolução-RDC nº 47/2009 I- IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO omeprazol Medicamento genérico Lei nº 9.787, de

Leia mais

Antes de tomar este medicamento informe o seu médico: Se tem história de doença cardíaca, ritmo irregular cardíaco ou angina.

Antes de tomar este medicamento informe o seu médico: Se tem história de doença cardíaca, ritmo irregular cardíaco ou angina. FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR Onsudil 0,05 mg comprimidos Onsudil 0,005 mg/ml xarope Onsudil 0,1 mg/ml solução para inalação por nebulização cloridrato de procaterol Leia atentamente

Leia mais

PAC 11. Controle da matéria-prima, ingredientes e material de embalagens

PAC 11. Controle da matéria-prima, ingredientes e material de embalagens PAC 11 Página 1 de 8 PAC 11 Controle da matéria-prima, ingredientes e material de embalagens PAC 11 Página 2 de 8 1. Objetivo----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------03

Leia mais

Bula com informações ao Paciente soro antibotrópico (pentavalente) e antilaquético. solução injetável IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO

Bula com informações ao Paciente soro antibotrópico (pentavalente) e antilaquético. solução injetável IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO soro antibotrópico (pentavalente) e antilaquético solução injetável IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO soro antibotrópico (pentavalente) e antilaquético APRESENTAÇÃO O soro antibotrópico (pentavalente) e antilaquético,

Leia mais

FLORALYTE 45. (cloreto de sódio, citrato de potássio monoidratado,citrato de sódio di-hidratado, glicose anidra) Merck S/A

FLORALYTE 45. (cloreto de sódio, citrato de potássio monoidratado,citrato de sódio di-hidratado, glicose anidra) Merck S/A FLORALYTE 45 (cloreto de sódio, citrato de potássio monoidratado,citrato de sódio di-hidratado, glicose anidra) Merck S/A Solução hidroeletrolítica pronta para uso sódio 45 meq/l; potássio 20 meq/l; cloreto

Leia mais

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR. Este folheto contém informações importantes para si. Leia-o atentamente.

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR. Este folheto contém informações importantes para si. Leia-o atentamente. FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR Tantum Verde 3 mg pastilhas Cloridrato de benzidamina Este folheto contém informações importantes para si. Leia-o atentamente. Este medicamento pode ser

Leia mais

Trimeb. (maleato de trimebutina)

Trimeb. (maleato de trimebutina) Trimeb (maleato de trimebutina) Bula para paciente Cápsula mole 200 mg Página 1 Trimeb (maleato de trimebutina) Cápsula mole FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÕES Embalagens com 20, 30 ou 60 cápsulas contendo

Leia mais

Nenê dent n. Cada grama da solução contém: Cloridrato de lidocaína...3,4 mg Polidocanol 600...3,2 mg

Nenê dent n. Cada grama da solução contém: Cloridrato de lidocaína...3,4 mg Polidocanol 600...3,2 mg Leia com atenção, antes de usar o produto. Nenê dent n Matricaria chamomilla tintura, cloridrato de lidocaína, polidocanol NÃO CONTÉM CONSERVANTES SEM AÇÚCAR Formas farmacêuticas, apresentações e via de

Leia mais

ALLERGAN PRODUTOS FARMACÊUTICOS LTDA

ALLERGAN PRODUTOS FARMACÊUTICOS LTDA LACRIL ALLERGAN PRODUTOS FARMACÊUTICOS LTDA Solução Oftálmica Estéril álcool polivinílico 1,4% BULA PARA O PACIENTE Lubrificante Ocular APRESENTAÇÃO Solução Oftálmica Estéril Frasco plástico conta-gotas

Leia mais

PNV Divulgação de Boas Práticas. Rede de Frio. Ana Paula Abreu

PNV Divulgação de Boas Práticas. Rede de Frio. Ana Paula Abreu PNV Divulgação de Boas Práticas Rede de Frio Dezembro 2011 Ana Paula Abreu S. Farmacêuticos A efectividade e a segurança das vacinas dependem também das suas condições de transporte, de conservação e de

Leia mais

PYR-PAM pamoato de pirvínio

PYR-PAM pamoato de pirvínio PYR-PAM pamoato de pirvínio DRÁGEA 100 MG Bula do Paciente Pyr-Pam UCI-FARMA Conforme RDC 47/09 Página 1 PYR-PAM pamoato de pirvínio FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÃO PYR-PAM DRÁGEA 100 MG: cartucho contendo

Leia mais

O nome deste medicamento é Casenlax, 10 g/20 ml solução oral em saquetas.

O nome deste medicamento é Casenlax, 10 g/20 ml solução oral em saquetas. Folheto informativo: Informação para o utilizador Casenlax 10 g/20 ml solução oral em saquetas Macrogol 4000 Leia com atenção todo este folheto antes de começar a tomar este medicamento, pois contém informação

Leia mais

TROMBOFOB Pomada heparina sódica nicotinato de benzila

TROMBOFOB Pomada heparina sódica nicotinato de benzila MODELO DE BULA PARA O PACIENTE I) IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO: TROMBOFOB Pomada heparina sódica nicotinato de benzila APRESENTAÇÃO Pomada dermatológica de: - 50U + 2mg: Embalagem com 1 bisnaga de 40 g.

Leia mais

SECÇÂO 1. Identificação da substancia/preparação e da sociedade

SECÇÂO 1. Identificação da substancia/preparação e da sociedade Pagina: 1 de 7 SECÇÂO 1. Identificação da substancia/preparação e da sociedade 1.1 Identificação da substância/mistura e da sociedade/empresa Tipo de produto quimico Nome Comercial Mistura 1.2 Utilizações

Leia mais

Solução Glicofisiológica

Solução Glicofisiológica Solução Glicofisiológica Solução injetável cloreto de sódio + glicose 9 mg/ml + 50 mg/ml 1 Forma farmacêutica e apresentações: Solução injetável MODELO DE BULA Solução Glicofisiológica cloreto de sódio

Leia mais

Ficha de Dados de Segurança

Ficha de Dados de Segurança Pág 1/6 1 Identificação do produto e da empresa 1.1 Identificação do Produto Nome comercial: Albumina Nº do Artigo: 1110XXX 1.2 Aplicação da substância / preparação: Química de Laboratório Diagnóstico

Leia mais

loratadina Laboratório Globo Ltda. Xarope 1 mg/ml

loratadina Laboratório Globo Ltda. Xarope 1 mg/ml loratadina Laboratório Globo Ltda. Xarope 1 mg/ml loratadina Medicamento genérico Lei nº 9.787, de 1999 FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÃO: loratadina xarope 1 mg/ml. Embalagem contendo 1 frasco de 100

Leia mais