A CRISE DE Linha de montagem Ford T

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "A CRISE DE 1929. Linha de montagem Ford T"

Transcrição

1 O MUNDO ENTRE GUERRAS: A CRISE DO LIBERALISMO

2 RECAPTULANDO -Com o fim da Primeira Guerra Mundial a Alemanha derrotada no conflito, sofreu sérias punições no Tratado de Versalhes que acabou retalhando o país. -Com o parque industrial europeu desativado, os EUA conquistou mais mercado consumidor e forneceu recursos para a reconstrução da Europa, gerando crescimento econômico para país.

3 A CRISE DE Sistema econômico dos EUA nos anos 20: Liberalismo; -Modo de vida americano: incentivo ao consumo; -Aumento desenfreado da produção; -Não houve reajuste dos salários; -1920: Crise de superprodução que gerou desemprego, diminuição do mercado consumidor e prejuízo para as empresas.

4 A CRISE DE 1929 Linha de montagem Ford T

5 A CRISE DE 1929 Linha de montagem Ford T

6 A CRISE DE com/watch?v=qjsd k44gwie Chaplin: O Garoto 1921

7 A CRISE DE 1929 Melindrosas-1920

8 A CRISE DE 1929 Ku Klux Klan

9 A CRISE DE 1929 Máfia Italiana-1925

10 A CRISE DE Recuperação da economia: investimento no mercado de ações; -Venda desenfreada das ações: Queda da Bolsa de Nova York em 24/10/1929; - Grande Depressão : pobreza; desemprego, miséria e suicídios.

11 A CRISE DE 1929

12 A CRISE DE 1929

13 A CRISE DE 1929: Recuperação -Eleição de Franklin Roosevelt para a Presidência dos EUA: fim do liberalismo econômico com a intervenção do Estado na Economia. -New Deal : programa do governo de recuperação econômica que previa geração de emprego, concessão de empréstimos para empresas que se encaixavam nas prioridades do Estado.

14 REGIMES TOTALITÁRIOS -Regimes políticos não democráticos, em que o Estado controla todos os aspectos da vida nacional. -Descrença nos ideais políticos liberais; -Crise de governabilidade; -Decadência financeira; -Emergência de movimentos socialistas.

15 REGIMES TOTALITÁRIOS: FASCISMO Benito Mussolini O feixe de varas significava união e força. As varas, unidas, ilustravam o povo italiano. A machadinha ilustrava o poder do duce (comandante) e a repressão.

16 REGIMES TOTALITÁRIOS: FASCISMO -Crise do liberalismo no pós guerra; -Itália não recebeu as compensações no pós guerra prometida pela Inglaterra; -O país viveu uma grave crise econômica; -Os burgueses temiam uma revolução socialista e decidiram apoiar a instalação de um regime político de extrema direita: o FASCISMO.

17 REGIMES TOTALITÁRIOS: FASCISMO -BENITO MUSSOLINI: culto ao líder, anticomunista, antidemocrático, unipartidarismo, xenofóbico, nacionalista, racista, conservadorismo e militarista. -Lemas: Crer, obedecer e combater

18 REGIMES TOTALITÁRIOS: FASCISMO -A defesa da ordem conquistou a burguesia e Mussolini tomou o poder rapidamente. -Temendo que o governo fosse assumido pelos socialistas (maioria dos deputados) Mussolini apoiado pela burguesia e pelo exército liderou a MARCHA SOB ROMA e é declarado como Primeiro Ministro italiano.

19 REGIMES TOTALITÁRIOS: FASCISMO -A implantação do fascismo foi acompanhada de perseguição aos comunistas, fechamento de jornais e intensa repressão. -O golpe final para legitimar o regime fascista foi assinar o TRATADO DE LATRÃO que aproximava a Igreja Católica do Estado. -O fascismo serviu de exemplo para outros regimes totalitários.

20 REGIMES TOTALITÁRIOS: NAZISMO suástica teria a capacidade de representar a luta em prol do triunfo do homem ariano e o desenvolvimento da nação alemã por meio da campanha anti-semita. Adolf Hitler

21 REGIMES TOTALITÁRIOS: NAZISMO -Derrota da Alemanha na Primeira Guerra Mundial; -Punições impostas pelo Tratado de Versalhes; -Crise na República de Weimar e crescente expressividade do socialismo na Alemanha; -Crise inflacionária; Criação do Partido Nacional-

22 REGIMES TOTALITÁRIOS: NAZISMO -Por trazer uma nova ideologia, era espionado pelo exército, representado por um jovem militar austríaco chamado Adolf Hitler que aderiu as ideologias do partido : Hitler assumiu a liderança do Partido Nazista e promoveu uma intensa propaganda ultranacionalista conquistou adeptos tanto na burguesia, quanto nas classes populares.

23 REGIMES TOTALITÁRIOS: NAZISMO - Hitler organizou o PUTSCH: um golpe militar frustrado que resultou na sua prisão, local em que formulou o ideal nazista em seu livro MEIN KAMPF: conquista do espaço vital o Terceiro Reinch ; expansão territorial e ódio racial na defesa da raça ariana.

24 REGIMES TOTALITÁRIOS: NAZISMO - Em 1932 chegou ao poder como Primeiro Ministro apoiado por burgueses e banqueiros. - Em 1934: Hitler deu um Golpe de Estado e concentrou plenos poderes.

25 REGIMES TOTALITÁRIOS: NAZISMO - Chamado de FÜHRER era considerado o guia do povo alemão. - Logo que tomou o poder, iniciou uma política expansionista, para unificar o espaço vital: Áustria, Tchecoslováquia e a Polônia (território de interesse da Inglaterra e da França);

26 REGIMES TOTALITÁRIOS: NAZISMO - Buscou um aliado improvável: a URSS no PACTO GERMANO-SOVIÉTICO que era um aliado neutro e amedrontava franceses e ingleses.

27 REGIMES TOTALITÁRIOS: NAZISMO - Buscou um aliado improvável: a URSS no PACTO GERMANO-SOVIÉTICO que era um aliado neutro e amedrontava franceses e ingleses.

28 REGIMES TOTALITÁRIOS

29 BONS ESTUDOS E ATÉ A PRÓXIMA AULA!

TEMA 3 UMA EXPERIÊNCIA

TEMA 3 UMA EXPERIÊNCIA TEMA 3 UMA EXPERIÊNCIA DOLOROSA: O NAZISMO ALEMÃO A ascensão dos nazistas ao poder na Alemanha colocou em ação a política de expansão territorial do país e o preparou para a Segunda Guerra Mundial. O saldo

Leia mais

Regimes Autoritários/ Totalitários EUROPA NO ENTREGUERRAS PROF. SARA

Regimes Autoritários/ Totalitários EUROPA NO ENTREGUERRAS PROF. SARA Regimes Autoritários/ Totalitários EUROPA NO ENTREGUERRAS PROF. SARA O que mais diferencia o totalitarismo de outras formas de ditadura é que o Estado totalitário invade a privacidade das pessoas, controlando-as

Leia mais

Génese e implantação do fascismo. e do nazismo

Génese e implantação do fascismo. e do nazismo Génese e implantação do fascismo FASCISMO: - Regime político que vigorou em Itália de 1922 a 1945 e que influenciou fortemente outros países. - Símbolo: o fascio romano. e do nazismo NAZISMO: - Regime

Leia mais

Ciências Humanas História. Segunda Guerra Mundial e Consequências

Ciências Humanas História. Segunda Guerra Mundial e Consequências Ciências Humanas História Segunda Guerra Mundial e Consequências Relembrando Professor Evandro R. Saracino ersaracino@gmail.com Facebook.com/ersaracino Facebook.com/errsaracino Estude o MESMO conteúdo

Leia mais

PROVA BIMESTRAL História

PROVA BIMESTRAL História 9 o ano 2 o bimestre PROVA BIMESTRAL História Escola: Nome: Turma: n o : Sobre a Revolução Russa de 1917, leia o texto a seguir e responda às questões 1 e 2. A reivindicação básica dos pobres da cidade

Leia mais

A PROSPERIDADE DOS EUA NOS ANOS 20

A PROSPERIDADE DOS EUA NOS ANOS 20 CRISE DE 1929: Ao final da Primeira Guerra, a indústria dos EUA era responsável por quase 50% da produção mundial. O país criou um novo estilo de vida: o american way of life. Esse estilo de vida caracterizavase

Leia mais

História B aula 19 O Fascismo na Itália e a Crise de 1929.

História B aula 19 O Fascismo na Itália e a Crise de 1929. História B aula 19 O Fascismo na Itália e a Crise de 1929. PERÍODO ENTRE-GUERRAS 1a Guerra: 1914-18 2a Guerra: 1939-45 -Itália apesar de ter participado da 1ª Guerra do lado vencedor, saiu dela bastante

Leia mais

Nazismo. Oficina Cinema-História. Núcleo de Produção e Pesquisas da Relação Imagem-História www.oficinacinemahistoria.org

Nazismo. Oficina Cinema-História. Núcleo de Produção e Pesquisas da Relação Imagem-História www.oficinacinemahistoria.org Nazismo por Alexandre Coelho Pinheiro Graduado em História pela Universidade Estadual de Santa Cruz UESC No final de 1918 os alemães vivenciavam o trágico fim da I Guerra Mundial. A Alemanha havia se rendido

Leia mais

Europa do século XIX IDADE CONTEMPORÂNEA. Revoluções de 1820, 1830 e 1848

Europa do século XIX IDADE CONTEMPORÂNEA. Revoluções de 1820, 1830 e 1848 IDADE CONTEMPORÂNEA Europa do século XIX O século XIX apresentou, na Europa, a consolidação dos ideais burgueses liberais e a vitória sobre as forças conservadoras/reacionárias. O avanço das forças produtivas

Leia mais

Primeira Guerra Mundial E Revolução Russa.

Primeira Guerra Mundial E Revolução Russa. Aula 17 Primeira Guerra Mundial E Revolução Russa. Esta aula abordará a Primeira Guerra Mundial, suas causas e conseqüências, entre as conseqüências; destaque para a Revolução Russa e a criação do primeiro

Leia mais

História B Aula 21. Os Agitados Anos da

História B Aula 21. Os Agitados Anos da História B Aula 21 Os Agitados Anos da Década de 1930 Salazarismo Português Monarquia portuguesa foi derrubada em 1910 por grupos liberais e republicanos. 1ª Guerra - participação modesta ao lado da ING

Leia mais

Os regimes totalitaristas. Professor Gustavo Pessoa

Os regimes totalitaristas. Professor Gustavo Pessoa Os regimes totalitaristas Professor Gustavo Pessoa O NAZIFASCISMO tipo de governo característico de alguns países no período entre guerras (1918 1939). ONDE? CARACTERÍSTICAS BÁSICAS: Principalmente ITA,

Leia mais

Regimes Totalitários. Nazifascismo

Regimes Totalitários. Nazifascismo Regimes Totalitários Nazifascismo 1918-1939 http://historiaonline.com.br CONTEXTO Humilhação imposta à Alemanha e à Itália 1ª Guerra Mundial (Tratado de Versalhes), Sentimento nacionalista = revanchismo,

Leia mais

QUARTA CONSTITUIÇÃO (A CONSTITUIÇÃO DO ESTADO NOVO)

QUARTA CONSTITUIÇÃO (A CONSTITUIÇÃO DO ESTADO NOVO) QUARTA CONSTITUIÇÃO (A CONSTITUIÇÃO DO ESTADO NOVO) NOME...Constituição dos Estados Unidos do Brasil DATA...10 de Novembro de 1937 ORIGEM...Outorgada DURAÇÃO...9 anos PREÂMBULO O Presidente da República

Leia mais

Nome: nº. Recuperação Final de História Profª Patrícia

Nome: nº. Recuperação Final de História Profª Patrícia 1 Conteúdos selecionados: Nome: nº Recuperação Final de História Profª Patrícia Lista de atividades 9º ano Apostila 1: Segunda Revolução Industrial (características); Neocolonislimo; Brasil no século XX:

Leia mais

CRISE DE 29. Colapso do sistema financeiro americano

CRISE DE 29. Colapso do sistema financeiro americano CRISE DE 29 Colapso do sistema financeiro americano Antecedentes: Europa destruída pela grande guerra depende do capital americano; EUA responsável por 50% de toda produção industrial do mundo; American

Leia mais

A EXPANSÃO DA GUERRA FRIA (1947-1989)

A EXPANSÃO DA GUERRA FRIA (1947-1989) A EXPANSÃO DA GUERRA FRIA (1947-1989) RECAPITULANDO -GUERRA FRIA: Disputa pela hegemonia mundial entre duas potências: EUA e URSS. -ACORDOS ECONOMICOS: -Plano Marshall (1947) -Plano Comecon (1949) ACORDOS

Leia mais

Vestibular UFRGS 2015. Resolução da Prova de História

Vestibular UFRGS 2015. Resolução da Prova de História Vestibular UFRGS 2015 Resolução da Prova de História COMENTÁRIO GERAL: Foi uma prova com conteúdos de História do Brasil e História Geral bem distribuídos e que incluiu também questões de História da América

Leia mais

LIDERANÇA E OS ESTILOS DE LÍDERES

LIDERANÇA E OS ESTILOS DE LÍDERES LIDERANÇA E OS ESTILOS DE LÍDERES Brendali Monti Dias Prof. Orientador Ednea dos Santos Cardoso Centro Universitário Leonardo da Vinci - UNIASSELVI Ciências Contábeis (CTB0099) Prática do Módulo I 22/06/12

Leia mais

Revoluções Liberais do Século XIX

Revoluções Liberais do Século XIX Revoluções Liberais do Século XIX Revoluções Liberais do Século XIX Após a queda de Napoleão, os países absolutistas buscaram retomar o Antigo Regime com o Congresso de Viena. As diretrizes básicas do

Leia mais

INTEIRATIVIDADE FINAL CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA. Conteúdo: A Revolução Francesa

INTEIRATIVIDADE FINAL CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA. Conteúdo: A Revolução Francesa Conteúdo: A Revolução Francesa Habilidades: Reconhecer nas origens e consequências da Revolução Francesa de 1789, os elementos fundamentais da formação política e social contemporânea para a história contemporânea.

Leia mais

AMANDA GRANDE ALVES RA: A7607C2 GABRIELA DE OLIVEIRA LIMA RA: A819IB0 JOSÉ RICARDO DE ARAÚJO FILHO RA: A941018

AMANDA GRANDE ALVES RA: A7607C2 GABRIELA DE OLIVEIRA LIMA RA: A819IB0 JOSÉ RICARDO DE ARAÚJO FILHO RA: A941018 AMANDA GRANDE ALVES RA: A7607C2 GABRIELA DE OLIVEIRA LIMA RA: A819IB0 JOSÉ RICARDO DE ARAÚJO FILHO RA: A941018 VANESSA LAÍS BARBOSA DE CASTRO RA: B048638 A GRANDE DEPRESSÃO São Paulo Maio 2011 AMANDA GRANDE

Leia mais

UNIDADE 4 A CRISE DO GUERRA MUNDIAL. CAPITALISMO E A SEGUNDA. Uma manhã de destruição e morte.

UNIDADE 4 A CRISE DO GUERRA MUNDIAL. CAPITALISMO E A SEGUNDA. Uma manhã de destruição e morte. UNIDADE 4 A CRISE DO CAPITALISMO E A SEGUNDA GUERRA MUNDIAL. Uma manhã de destruição e morte. No início de agosto de 1945, os Estados Unidos tentavam, sem resultado, conseguir a rendição japonesa. A solução

Leia mais

Grande crise do liberalismo econômico. Profª Karoline Rebouças

Grande crise do liberalismo econômico. Profª Karoline Rebouças Grande crise do liberalismo econômico Profª Karoline Rebouças Antes da Crise Fim da 1ª Guerra Mundial (1918) Europa arrasada Economia desestruturada Diminuição da mão-de-obra EUA patrocinam a reconstrução

Leia mais

Crise de 1929 IDADE CONTEMPORÂNEA

Crise de 1929 IDADE CONTEMPORÂNEA IDADE CONTEMPORÂNEA Crise de 1929 Nos anos 1920, os Estados Unidos viveram uma prosperidade nunca antes vivenciada. Ao longo da Primeira Guerra Mundial haviam se tornado a maior economia do mundo e depois

Leia mais

Unidade I Produção, Circulação e Trabalho. Aula 3.2 Conteúdo Revolução Francesa II

Unidade I Produção, Circulação e Trabalho. Aula 3.2 Conteúdo Revolução Francesa II A A Unidade I Produção, Circulação e Trabalho. Aula 3.2 Conteúdo Revolução Francesa II 2 A A Habilidade Analisar a Era Napoleônica e a organização social da França no Pós-Revolução. 3 A A Napoleão 4 A

Leia mais

COMENTÁRIO DA PROVA DE HISTÓRIA

COMENTÁRIO DA PROVA DE HISTÓRIA COMENTÁRIO DA PROVA DE HISTÓRIA Prova com temas clássicos, dentro do programa, sem maiores complicações. Sentimos falta de questões que buscassem uma maior relação diacrônica (com exceção da questão 1),

Leia mais

A CRISE DE 1929: COLAPSO NO LIBERALISMO COLÉGIO PEDRO II PROFESSOR: ERIC ASSIS

A CRISE DE 1929: COLAPSO NO LIBERALISMO COLÉGIO PEDRO II PROFESSOR: ERIC ASSIS A CRISE DE 1929: COLAPSO NO LIBERALISMO COLÉGIO PEDRO II PROFESSOR: ERIC ASSIS O LIBERALISMO A teoria do LIBERALISMO ECONÔMICO ficou consagrada a partir de Adam Smith (1723-1790), e tem os seguintes pressupostos

Leia mais

Europa no Século XIX FRANÇA RESTAURAÇÃO DA DINASTIA BOURBON LUÍS XVIII CARLOS X LUÍS FELIPE ( 1824 1830 )

Europa no Século XIX FRANÇA RESTAURAÇÃO DA DINASTIA BOURBON LUÍS XVIII CARLOS X LUÍS FELIPE ( 1824 1830 ) Europa no Século XIX FRANÇA RESTAURAÇÃO DA DINASTIA BOURBON -Após a derrota de Napoleão Bonaparte, restaurou-se a Dinastia Bourbon subiu ao trono o rei Luís XVIII DINASTIA BOURBON LUÍS XVIII CARLOS X LUÍS

Leia mais

GABARITO DA PROVA BIMESTRAL DE HISTÓRIA 1º BIMESTRE

GABARITO DA PROVA BIMESTRAL DE HISTÓRIA 1º BIMESTRE HISTÓRIA PROF. LEANDRO 3ª SÉRIE DO ENSINO MÉDIO GABARITO DA PROVA BIMESTRAL DE HISTÓRIA 1º BIMESTRE 1. O acordo de paz imposto à Alemanha após a Primeira Guerra Mundial foi o tratado de Versalhes, assinado

Leia mais

Ciências Humanas História. Totalitarismos ou Regimes Autoritários

Ciências Humanas História. Totalitarismos ou Regimes Autoritários Ciências Humanas História Totalitarismos ou Regimes Autoritários Relembrando Professor Evandro R. Saracino ersaracino@gmail.com Facebook.com/ersaracino Facebook.com/errsaracino Estude o MESMO conteúdo

Leia mais

Esquema de aulas. Colégio Social Madre Clélia Educação Infantil, ensino fundamental e médio. Disciplina de História. Profa. Me.

Esquema de aulas. Colégio Social Madre Clélia Educação Infantil, ensino fundamental e médio. Disciplina de História. Profa. Me. Esquema de aulas Colégio Social Madre Clélia Educação Infantil, ensino fundamental e médio Disciplina de História Profa. Me. Andrea Dal Pra Conteúdos: Crise dos Anos 20 (E.U.A) Regimes Totalitários Europa

Leia mais

Colégio Salesiano São José 8º ano Geografia Professor Juliano

Colégio Salesiano São José 8º ano Geografia Professor Juliano Colégio Salesiano São José 8º ano Geografia Professor Juliano O mundo sempre esteve envolvido em guerras, de diferentes tamanhos, motivos, armas, mortes, mas poucas guerras foram tão destruidoras e envolveram

Leia mais

2ª série EM - Lista de Questões para a RECUPERAÇÃO FINAL - HISTÓRIA

2ª série EM - Lista de Questões para a RECUPERAÇÃO FINAL - HISTÓRIA 2ª série EM - Lista de Questões para a RECUPERAÇÃO FINAL - HISTÓRIA 01. "A exclusão dos analfabetos pela Constituição republicana (de 1891) era particularmente discriminatória, pois, ao mesmo tempo retirava

Leia mais

HABILIDADE/SUB-HABILIDADE: Analisar o papel da justiça como instituição na organização das sociedades.

HABILIDADE/SUB-HABILIDADE: Analisar o papel da justiça como instituição na organização das sociedades. VESTIBULAR 2011 História EXPECTATIVAS DE RESPOSTAS Questão 5 COMPETÊNCIA: Compreender a produção e o papel histórico das instituições sociais, políticas e econômicas, associando-as aos diferentes grupos,

Leia mais

EUROPA NO SÉCULO XIX. http://historiaonline.com.br

EUROPA NO SÉCULO XIX. http://historiaonline.com.br EUROPA NO SÉCULO XIX A INGLATERRA NO SÉCULO XIX: Era Vitoriana (1837-1901): Hegemonia marítima inglesa. Fortalecimento do poder político da burguesia. Expansão da economia industrial 2ª Revolução Industrial.

Leia mais

História Geral Extensivo Pré-Técnico Cefet/Coltec. Módulo Vermelho

História Geral Extensivo Pré-Técnico Cefet/Coltec. Módulo Vermelho História Geral Extensivo Pré-Técnico Cefet/Coltec Módulo Vermelho Revolução Francesa 1789-1799 A Revolução Francesa foi um importante marco na História Moderna da nossa civilização. Significou o fim do

Leia mais

GABARITO DE HISTÓRIA FRENTE 1

GABARITO DE HISTÓRIA FRENTE 1 GABARITO DE HISTÓRIA FRENTE 1 Módulo 17 01. C Nos séculos XVIII e XIX deu-se a afirmação da ordem burguesa e capitalista contra as estruturas do Antigo Regime. 02. B A crise econômica vivida na Europa

Leia mais

II GUERRA MUNDIAL

II GUERRA MUNDIAL II GUERRA MUNDIAL 1939-1945 ASCENSÃO DOS REGIMES TOTALITÁRIOS EUROPA NO PÓS GUERRA Com o fim da Primeira Guerra Mundial, a Europa teve de enfrentar uma de suas piores crises econômicas. O uso do território

Leia mais

IDADE CONTEMPORÂNEA (a partir de 1789)

IDADE CONTEMPORÂNEA (a partir de 1789) IDADE CONTEMPORÂNEA (a partir de 1789) ERA NAPOLEÔNICA (1799 1815) 1 - O CONSULADO (1799 1804): Pacificação interna e externa. Acordos de paz com países vizinhos. Acordo com a Igreja catolicismo oficial.

Leia mais

NAZISMO Violência e propaganda foram as armas de Adolf Hitler. Broche do Partido Nazista

NAZISMO Violência e propaganda foram as armas de Adolf Hitler. Broche do Partido Nazista NAZISMO Violência e propaganda foram as armas de Adolf Hitler Broche do Partido Nazista Após a derrota na Primeira Guerra Mundial (1914-1918), a Alemanha foi forçada a assinar o Tratado de Versalhes, em

Leia mais

Colonização da América do Norte Formação dos Estados Unidos

Colonização da América do Norte Formação dos Estados Unidos Colonização da América do Norte Formação dos Estados Unidos A ocupação da América do Norte foi marcada por intensos conflitos entre ingleses e indígenas da região. Duas companhias de comércio foram autorizadas

Leia mais

Segunda Guerra Mundial. - Os motivos da Guerra-

Segunda Guerra Mundial. - Os motivos da Guerra- Segunda Guerra Mundial - Os motivos da Guerra- Introdução Para entender a Segunda Guerra Mundial, temos que saber os motivos, e alguns deles vieram da 1ª Guerra Mundial, pode-se falar que a 2ª Guerra Mundial

Leia mais

PROJETO: A PROPAGANDA NAZISTA E A POPULAÇÃO ALEMÃ

PROJETO: A PROPAGANDA NAZISTA E A POPULAÇÃO ALEMÃ Universidade Federal do Ceará Centro de Humanidades Departamento de História Disciplina: Oficina de Ensino de História Geral II Prof. Mário Martins Viana Júnior Alunos: Aline Garcia Chaves Noronha Jonh

Leia mais

ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA SÉCULO XIX

ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA SÉCULO XIX ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA SÉCULO XIX GUERRA DE SECESSÃO secessão significa separação INTRODUÇÃO a Guerra de Secessão foi uma guerra civil ocorrida nos EUA entre 1861 e 1865 motivo rivalidades e divergências

Leia mais

Cronograma de Estudos de História - Projeto Medicina - www.projetomedicina.com.br

Cronograma de Estudos de História - Projeto Medicina - www.projetomedicina.com.br Cronograma de Estudos de História - Projeto Medicina - www.projetomedicina.com.br Área Assunto Início Fim Teoria Exercícios História da América A Conquista da América e os Povos Pré-Colombianos História

Leia mais

ATIVIDADES PROVINHA PERÍODO ENTREGUERRAS

ATIVIDADES PROVINHA PERÍODO ENTREGUERRAS ATIVIDADES PROVINHA PERÍODO ENTREGUERRAS 1-O "crack" da Bolsa de Valores de Nova Iorque, em 1929, provocou falências de centenas de indústrias, de bancos, de companhias de comércio e de transportes e um

Leia mais

REVOLUÇÃO FRANCESA Aulas 19 e 20 Pág. 15 P R O F ª C L E I D I V A I N E D A S. R E Z E N D E D I S C. H I S T Ó R I A / 8 º A N O

REVOLUÇÃO FRANCESA Aulas 19 e 20 Pág. 15 P R O F ª C L E I D I V A I N E D A S. R E Z E N D E D I S C. H I S T Ó R I A / 8 º A N O REVOLUÇÃO FRANCESA Aulas 19 e 20 Pág. 15 P R O F ª C L E I D I V A I N E D A S. R E Z E N D E D I S C. H I S T Ó R I A / 8 º A N O 1 - INTRODÇÃO 1789 a Bastilha (prisão) foi invadida pela população marca

Leia mais

ONDAS REVOLUCIONÁRIAS LIBERAIS EUROPA NO SÉCULO XIX

ONDAS REVOLUCIONÁRIAS LIBERAIS EUROPA NO SÉCULO XIX ONDAS REVOLUCIONÁRIAS LIBERAIS EUROPA NO SÉCULO XIX 1820 Independência da Grécia submetida ao Império turco-otomano, o movimento conquista a autonomia política da região com apoio popular e internacional.

Leia mais

CIÊNCIAS HUMANAS E SUAS TECNOLOGIAS Próximo HISTÓRIA GUERRAS E CRISES: MARCAS DO SÉCULO XX. Caderno 9» Capítulo 1. www.sejaetico.com.

CIÊNCIAS HUMANAS E SUAS TECNOLOGIAS Próximo HISTÓRIA GUERRAS E CRISES: MARCAS DO SÉCULO XX. Caderno 9» Capítulo 1. www.sejaetico.com. CIÊNCIAS HUMANAS E SUAS TECNOLOGIAS HISTÓRIA GUERRAS E CRISES: MARCAS DO SÉCULO XX Caderno 9» Capítulo 1 www.sejaetico.com.br CIÊNCIAS HUMANAS E SUAS TECNOLOGIAS A Primeira Guerra Mundial (1914-1918) Caderno

Leia mais

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2ª PROVA PARCIAL DE HISTÓRIA

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2ª PROVA PARCIAL DE HISTÓRIA COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2ª PROVA PARCIAL DE HISTÓRIA Aluno(a): Nº Ano: 9º Turma: Data: 11/08/2012 Nota: Professor(a): Élida Valor da Prova: 40 pontos Orientações gerais: 1) Número de

Leia mais

O REGIME REPUBLICANO EM PORTUGAL PARLAMENTARISMO

O REGIME REPUBLICANO EM PORTUGAL PARLAMENTARISMO O REGIME REPUBLICANO EM PORTUGAL PARLAMENTARISMO Republicanismo português As raízes ideológicas remontavam à Revolução Francesa: liberdade, igualdade e fraternidade. Liberdade de pensamento, igualdade

Leia mais

O período entreguerras: os nacionalismos totalitários

O período entreguerras: os nacionalismos totalitários A U A UL LA Acesse: http://fuvestibular.com.br/ O período entreguerras: os nacionalismos totalitários As ambições imperialistas da Alemanha, da Itália e do Japão resultaram na Segunda Guerra Mundial (1939-1945).

Leia mais

1º ano. A reconquista ibérica e as grandes navegações Capítulo 10: Item 2 A revolução comercial Capítulo 12: Item 3 O Novo Mundo Capítulo 10: Item 2

1º ano. A reconquista ibérica e as grandes navegações Capítulo 10: Item 2 A revolução comercial Capítulo 12: Item 3 O Novo Mundo Capítulo 10: Item 2 1º ano O absolutismo e o Estado Moderno Capítulo 12: Todos os itens A reconquista ibérica e as grandes navegações Capítulo 10: Item 2 A revolução comercial Capítulo 12: Item 3 O Novo Mundo Capítulo 10:

Leia mais

Curso: Estudos Sociais Habilitação em História. Ementas das disciplinas: 1º Semestre

Curso: Estudos Sociais Habilitação em História. Ementas das disciplinas: 1º Semestre Curso: Estudos Sociais Habilitação em História Ementas das disciplinas: 1º Semestre Disciplina: Introdução aos estudos históricos Carga horária semestral: 80 h Ementa: O conceito de História, seus objetivos

Leia mais

Data: HISTÓRIA TUTORIAL 14B. Aluno (a): Equipe de História. Entreguerras: Crise Liberal de 1929 e fascismo

Data: HISTÓRIA TUTORIAL 14B. Aluno (a): Equipe de História. Entreguerras: Crise Liberal de 1929 e fascismo Aluno (a): Série: 3ª Turma: TUTORIAL 14B Ensino Médio Equipe de História Data: HISTÓRIA Entreguerras: Crise Liberal de 1929 e fascismo Colégio A. LIESSIN Scholem Aleichem - 1 - NANDA/OUT/2014 1346 Colégio

Leia mais

PLANIFICAÇÃO A LONGO PRAZO (sujeita a reajustamentos)

PLANIFICAÇÃO A LONGO PRAZO (sujeita a reajustamentos) PLANIFICAÇÃO A LONGO PRAZO (sujeita a reajustamentos) História A 12º Ano Ano Lectivo - 2012/2013 Prof. Armando Sousa Pereira Prof.ª Maria Amélia de Andrade e Pinto de Almeida Vasconcelos 1º PERÍODO MÓDULO

Leia mais

A UNIFICAÇÃO ITALIANA E ALEMÃ. Direitos Autorias: Prof. Ronaldo Queiroz de Morais

A UNIFICAÇÃO ITALIANA E ALEMÃ. Direitos Autorias: Prof. Ronaldo Queiroz de Morais A UNIFICAÇÃO ITALIANA E ALEMÃ Direitos Autorias: Prof. Ronaldo Queiroz de Morais SÍNTESE DO PROCESSO O nacionalismo foi a ideologia [ideia motivadora] que justificou a unificação; O Estado-nação se apropriou

Leia mais

O TRIBUNAL DE NUREMBERG E POLÊMICA DAS SANÇÕES ADOTADAS.

O TRIBUNAL DE NUREMBERG E POLÊMICA DAS SANÇÕES ADOTADAS. O TRIBUNAL DE NUREMBERG E POLÊMICA DAS SANÇÕES ADOTADAS. Ana Flávia Trevizan 1 Sérgio Tibiriçá Amaral 2 1 INTRODUÇÃO RESUMO: Aborda-se a temática dos direitos humanos nas sanções aplicadas pelo Tribunal

Leia mais

Apontamentos das obras LeYa em relação ao Currículo de Referência da Rede Estadual de Educação de GOIÁs. História Oficina de História

Apontamentos das obras LeYa em relação ao Currículo de Referência da Rede Estadual de Educação de GOIÁs. História Oficina de História Apontamentos das obras LeYa em relação ao Currículo de Referência da Rede Estadual de Educação de GOIÁs História Oficina de História 2 Caro professor, Este guia foi desenvolvido para ser uma ferramenta

Leia mais

Disputa pela hegemonia mundial entre Estados Unidos e URSS após a II Guerra Mundial. É uma intensa guerra econômica, diplomática e tecnológica pela conquista de zonas de influência. Ela divide o mundo

Leia mais

CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN. b) Cite duas características do Estado Novo. Resposta: Ditadura, censura, nacionalismo, etc.

CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN. b) Cite duas características do Estado Novo. Resposta: Ditadura, censura, nacionalismo, etc. 2ª série Ens. Médio EXERCÍCIOS DE MONITORIA HISTÓRIA - OBJETIVA Professora: Higor David Lopes Prucoli 1. (Fuvest 1987) Como se expressa a ação do governo na economia brasileira no período do Estado Novo?

Leia mais

DIPLOMACIA E CHANCELARIA CONCURSOS DA. 2 a EDIÇÃO COMENTADAS. 1 a FASE 1.200 QUESTÕES NOS. Renan Flumian Coordenador da obra

DIPLOMACIA E CHANCELARIA CONCURSOS DA. 2 a EDIÇÃO COMENTADAS. 1 a FASE 1.200 QUESTÕES NOS. Renan Flumian Coordenador da obra 2 a EDIÇÃO Renan Flumian Coordenador da obra NOS CONCURSOS DA DIPLOMACIA E CHANCELARIA 1 a FASE 1.200 QUESTÕES COMENTADAS Wander Garcia coordenador da coleção SUMÁRIO SUMÁRIO COMO USAR O LIVRO? 15 01.

Leia mais

Nazismo. Adolf Hitler

Nazismo. Adolf Hitler 1889: Nasce em Braunau (Áustria). 1914/18: Participa na 1.ª Guerra Mundial. 1919: Filia-se no Partido Alemão dos Trabalhadores (DAP). 1921: Converte o DAP no Partido Nacional-Socialista Alemão dos Trabalhadores

Leia mais

REVOLUÇÃO FRANCESA. Por: Rodrigo A. Gaspar

REVOLUÇÃO FRANCESA. Por: Rodrigo A. Gaspar REVOLUÇÃO FRANCESA Por: Rodrigo A. Gaspar REVOLUÇÃO FRANCESA Influência dos valores iluministas Superação do Absolutismo monárquico e da sociedade estratificada Serviu de inspiração para outras revoluções,

Leia mais

A experiência brasileira em matéria de liberdade sindical à luz do pensamento de Maritain.

A experiência brasileira em matéria de liberdade sindical à luz do pensamento de Maritain. 1 A liberdade sindical como direito humano pela Declaração Universal dos Direitos do Homem da ONU e direito fundamental pela OIT a partir da visão de Jacques Maritain em suas obras Os direitos do homem

Leia mais

CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN

CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN HISTÓRIA CONTEÚDOS: 1ª GUERRA MUNDIAL REVOLUÇÃO RUSSA CRISE DE 1929 O FASCISMO O NAZISMO. 1. "O fascismo rejeita na democracia o embuste convencional da igualdade política, o espírito de irresponsabilidade

Leia mais

05 - PERÍODO ENTREGUERRAS: REGIMES TOTALITÁRIOS

05 - PERÍODO ENTREGUERRAS: REGIMES TOTALITÁRIOS 05 - PERÍODO ENTREGUERRAS: REGIMES TOTALITÁRIOS Consequências da Grande Guerra (1914-1918) Perda de muitas vidas e destruição de famílias Grave crise econômica e diminuição territorial para os derrotados

Leia mais

4 de julho 1776 PROF. ROBERTO BRASIL

4 de julho 1776 PROF. ROBERTO BRASIL 4 de julho 1776 PROF. ROBERTO BRASIL A Revolução Americana é um movimento de ampla base popular, a burguesia foi quem levou esta revolução avante. O terceiro estado (povo e burguesia) conseguiu a independência

Leia mais

NAPOLEÃO BONAPARTE. Pode-se dividir seu governo em três partes: Consulado (1799-1804) Império (1804-1815) Governo dos Cem Dias (1815)

NAPOLEÃO BONAPARTE. Pode-se dividir seu governo em três partes: Consulado (1799-1804) Império (1804-1815) Governo dos Cem Dias (1815) NAPOLEÃO BONAPARTE 1 Profª Adriana Moraes Destaca-se política e militarmente no Período Jacobino. DIRETÓRIO Conquistas militares e diplomáticas na Europa defesa do novo governo contra golpes. Golpe 18

Leia mais

Preconceitos: Xenofobia, racismo, chauvinismo

Preconceitos: Xenofobia, racismo, chauvinismo Preconceitos: Xenofobia, racismo, chauvinismo Tânia Fernandes 01-07-2011 Tânia Fernandes Página 1 INTRODUÇÃO Hoje em dia cada vez mais existe preconceito entre a humanidade, olhamos de lado para pessoas

Leia mais

GUERRA DE SECESSÃO secessão significa separação INTRODUÇÃO a Guerra de Secessão foi uma guerra civil ocorrida nos EUA entre 1861 e 1865 motivo

GUERRA DE SECESSÃO secessão significa separação INTRODUÇÃO a Guerra de Secessão foi uma guerra civil ocorrida nos EUA entre 1861 e 1865 motivo GUERRA DE SECESSÃO secessão significa separação INTRODUÇÃO a Guerra de Secessão foi uma guerra civil ocorrida nos EUA entre 1861 e 1865 motivo rivalidades e divergências entre o Norte e o Sul dos EUA (

Leia mais

Do mundo multipolar para o. bipolar da Guerra Fria

Do mundo multipolar para o. bipolar da Guerra Fria Do mundo multipolar para o bipolar da Guerra Fria Geografia - 9ºANO Profª Bruna Andrade e Elaine Camargo Ordem Multipolar As potências industriais disputam hegemonia cultural, econômica e política no cenário

Leia mais

Revolução de 1930. Fatores: Crise de 1929. Movimento Tenentista. Resultado das eleições.

Revolução de 1930. Fatores: Crise de 1929. Movimento Tenentista. Resultado das eleições. Revolução de 1930 Revolução de 1930 Fatores: Crise de 1929. Movimento Tenentista. Resultado das eleições. Revolução de 1930 Responsável pelo fim da chamada Política café com leite Política café com leite

Leia mais

Sessão Extraordinária da Assembleia Municipal de Odivelas

Sessão Extraordinária da Assembleia Municipal de Odivelas Sessão Extraordinária da Assembleia Municipal de Odivelas Sessão Solene Comemorativa da Implantação da República 05.10.2010 A Revolução Republicana de 1910 Ao assinalarmos cem anos sobre a Revolução Republicana

Leia mais

CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA

CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA ENSINO MÉDIO ÁREA CURRICULAR: CIÊNCIAS HUMANAS E SUAS TECNOLOGIAS DISCIPLINA: HISTÓRIA SÉRIE 1.ª CH 68 ANO 2012 COMPETÊNCIAS:. Compreender

Leia mais

ASCENÇÃO DOS REGIMES NAZI-FASCISTAS: A EUROPA NAS DÉCADAS DE 1920 A 1940 PROF.º OTTO TERRA

ASCENÇÃO DOS REGIMES NAZI-FASCISTAS: A EUROPA NAS DÉCADAS DE 1920 A 1940 PROF.º OTTO TERRA ASCENÇÃO DOS REGIMES NAZI-FASCISTAS: A EUROPA NAS DÉCADAS DE 1920 A 1940 PASSO DEL BRENNERO ITÁLIA: O SURGIMENTO DO FASCISMO Contexto da Itália pós 1ª Guerra: PASSO DEL TRIESTE PORTO DE FIÚME - A Itália

Leia mais

Aulas 68 e 69 O Nazi fascismo

Aulas 68 e 69 O Nazi fascismo Aulas 68 e 69 O Nazi fascism 1. Cnceit: Tip de gvern ttalitári característic n períd entre guerras (1918 1939). 2. Onde? Itália, Prtugal e Espanha (Fascism) Alemanha (Nazism) 3. Características básicas:

Leia mais

HISTÓRIA. Assinale a alternativa que preenche corretamente os parênteses da Coluna B, de cima para baixo.

HISTÓRIA. Assinale a alternativa que preenche corretamente os parênteses da Coluna B, de cima para baixo. HISTÓRIA 37 Associe as civilizações da Antigüidade Oriental, listadas na Coluna A, às características políticas que as identificam, indicadas na Coluna B. 1 2 3 4 COLUNA A Mesopotâmica Fenícia Egípcia

Leia mais

"Brasil é um tipo de país menos centrado nos EUA"

Brasil é um tipo de país menos centrado nos EUA "Brasil é um tipo de país menos centrado nos EUA" Neill Lochery, pesquisador britânico, no seu livro Brasil: os Frutos da Guerra mostrou os resultados da sua investigação histórica de um dos períodos mais

Leia mais

TEMA 6 O AVANÇO DOS ALIADOS. Os combates decisivos entre as tropas do Eixo e as forças aliadas foram travados em território soviético.

TEMA 6 O AVANÇO DOS ALIADOS. Os combates decisivos entre as tropas do Eixo e as forças aliadas foram travados em território soviético. TEMA 6 O AVANÇO DOS ALIADOS Os combates decisivos entre as tropas do Eixo e as forças aliadas foram travados em território soviético. A operação Barbarossa A operação Barbarossa era a invasão da União

Leia mais

Informação - Prova de Exame a Nível de Escola Equivalente a Exame Nacional HISTÓRIA A - NE Prova 226 2012 12.º Ano de Escolaridade

Informação - Prova de Exame a Nível de Escola Equivalente a Exame Nacional HISTÓRIA A - NE Prova 226 2012 12.º Ano de Escolaridade Disciplina HISTÓRIA A - NE Código - 226 2011/2012 Informação - Prova de Exame a Nível de Escola Equivalente a Exame Nacional HISTÓRIA A - NE Prova 226 2012 12.º Ano de Escolaridade Decreto-Lei n.º 74/2004,

Leia mais

HISTÓRIA Resolução OBJETIVO 2001

HISTÓRIA Resolução OBJETIVO 2001 1 Tito Lívio, em História de Roma, referindo-se às lutas entre patrícios e plebeus que se estenderam do século V ao IV a.c., escreveu: "... apesar da oposição da nobreza, houve eleições consulares em que

Leia mais

(Perry Anderson, Linhagens do Estado absolutista. p. 18 e 39. Adaptado)

(Perry Anderson, Linhagens do Estado absolutista. p. 18 e 39. Adaptado) 1. (Fgv 2014) O paradoxo aparente do absolutismo na Europa ocidental era que ele representava fundamentalmente um aparelho de proteção da propriedade dos privilégios aristocráticos, embora, ao mesmo tempo,

Leia mais

ENEM CADERNO 4 GERAL CAP2

ENEM CADERNO 4 GERAL CAP2 EXERCÍCIOS DE SALA Competência de área 3 Compreender a produção e o papel histórico das instituições sociais, políticas e econômicas, associando-as aos diferentes grupos, conflitos e movimentos sociais.

Leia mais

Trabalho de história 3º tri Integrantes Frederico Strasser Nº:15 Diogo Amorim Nº:12 Guilherme Hasslocher Nº:19 Lucas Fuss Nº:28 Mateus Peres Nº:34

Trabalho de história 3º tri Integrantes Frederico Strasser Nº:15 Diogo Amorim Nº:12 Guilherme Hasslocher Nº:19 Lucas Fuss Nº:28 Mateus Peres Nº:34 Trabalho de história 3º tri Integrantes Frederico Strasser Nº:15 Diogo Amorim Nº:12 Guilherme Hasslocher Nº:19 Lucas Fuss Nº:28 Mateus Peres Nº:34 -Enquanto Buenos Aires se tornava mais poderosa, os lideres

Leia mais

Nome: N.º: Série: 3º Turma: Professor(a): Data: / / 2010

Nome: N.º: Série: 3º Turma: Professor(a): Data: / / 2010 AVALIAÇÃO TRIMESTRAL HISTÓRIA Nota: Nome: N.º: Série: 3º Turma: Professor(a): Data: / / 2010 O GABARITO NÃO PODE CONTER RASURAS CADA QUESTÃO VALE 0,42 01 - A prosperidade alcançada pelos Estados Unidos

Leia mais

Introdução. Parabéns meu pai, esta é a sua história!

Introdução. Parabéns meu pai, esta é a sua história! Introdução Desde o final de minha infância eu comecei a conviver com as histórias deste livro. No Natal eu ganhava roupas, livros e alguns brinquedos,como miniaturas de "caubóis e índios", sempre. Um belo

Leia mais

CURSO e COLÉGIO ESPECÍFICO Ltda

CURSO e COLÉGIO ESPECÍFICO Ltda CURSO e COLÉGIO ESPECÍFICO Ltda www.especifico.com.br DISCIPLINA : Sociologia PROF: Waldenir do Prado DATA:06/02/2012 O que é Sociologia? Estudo objetivo das relações que surgem e se reproduzem, especificamente,

Leia mais

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2ª PROVA PARCIAL DE HISTÓRIA Aluno(a): Nº Ano: 9º Turma: Data: 04/06/2011 Nota: Professora: Élida Valor da Prova: 40 pontos Assinatura do responsável: Orientações

Leia mais

PROVA BIMESTRAL História

PROVA BIMESTRAL História 9 o ano 1 o bimestre PROVA BIMESTRAL História Escola: Nome: Turma: n o : 1. A proclamação da República correspondeu ao encontro de duas forças diversas Exército e fazendeiros de café movidas por razões

Leia mais

A CONSTRUÇÃO DO MODELO SOVIÉTICO E O SEU IMPACTO NO MUNDO

A CONSTRUÇÃO DO MODELO SOVIÉTICO E O SEU IMPACTO NO MUNDO A CONSTRUÇÃO DO MODELO SOVIÉTICO E O SEU IMPACTO NO MUNDO Império russo (início do século a 1917) Território * Governo Maior império da Europa, estendendo-se da Ásia ao pacífico * Monarquia absoluta e

Leia mais

Objetivos: - IDENTIFICAR as principais etapas dos processos de unificação da Itália e da Alemanha.

Objetivos: - IDENTIFICAR as principais etapas dos processos de unificação da Itália e da Alemanha. Objetivos: - IDENTIFICAR as principais etapas dos processos de unificação da Itália e da Alemanha. - RELACIONAR as unificações da Itália e da Alemanha aos interesses da burguesia na expansão do capitalismo.

Leia mais

EUA NO SÉC. XIX 1. INTRODUÇÃO A. DOUTRINA MONROE:

EUA NO SÉC. XIX 1. INTRODUÇÃO A. DOUTRINA MONROE: 1. INTRODUÇÃO A. DOUTRINA MONROE: 1) Combate às políticas de recolonização do continente americano; 2) Aproximação com a América Latina; defesa do não-intervencionismo europeu na América como expressão

Leia mais

Os Diálogos entre o Regime Nazista e o cinema de Leni Riefensthal Resumo: . Palavras-chave: Cinema, nazismo, história Introdução

Os Diálogos entre o Regime Nazista e o cinema de Leni Riefensthal Resumo: . Palavras-chave: Cinema, nazismo, história Introdução Os Diálogos entre o Regime Nazista e o cinema de Leni Riefensthal Krystila Andressa Costa da Silva Resumo: O presente artigo tem como objetivo refletir sobre o papel do cinema em um dos momentos históricos

Leia mais

PROVA BIMESTRAL História

PROVA BIMESTRAL História 8 o ano 3 o bimestre PROVA BIMESTRAL História Escola: Nome: Turma: n o : 1. 25 de janeiro de 1835, ao amanhecer o dia na cidade de Salvador, 600 negros entre libertos e escravos levantaram-se decididos

Leia mais

COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE. Programa de Recuperação Paralela. 2ª Etapa 2012

COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE. Programa de Recuperação Paralela. 2ª Etapa 2012 COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Paralela 2ª Etapa 2012 Disciplina: HISTÓRIA Professora: ALESSANDRA PRADA Ano: 2012 Turma: 3º FG/TI Caro aluno, você está recebendo o conteúdo de

Leia mais