O (doce) lanche. brasileira. Um retrato inédito

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "O (doce) lanche. brasileira. Um retrato inédito"

Transcrição

1 O (d) l ç bl U éd

2 É VITL çã U bíl N lb vl d l q q d f q ff d d d v lld q d l q v q x qd.tb q q lb.f q d.offd f q dl b d d x f d qbx q qq bl dl d b x d vl dl l q q q ll d v. N f dl d q q xd d blb f x f dl vll dl db q db d lb d q q ll. U vl vl d d q dl q

3 LV O UTO O l d bl l d çã. O ld já ã vl d dçã x d bv f l zd l ê d v. ll d bdd fl é f x d d d 30% d ç d l úbl vd d d í f d d Nl Ifâ I d ê Ú 2009 d d bl. Nã á dúvd d q çã d d çd d f dv á d íd l q d- d é bvd vá d d. l qlíb d lçã dd l d d () d dd q lé d fçõ lz l. úl d d bl ljd ã d v l. M á q é l d bl d 4 11? f d çã d fçã d d Nl Ifâ II d bk. O bl f f l Wlf T l' Á N vdll bykyl Ml T. l bé çã d qd d I Hl Ifl bá d l d d d l dá d çã l d Nl (b) lé d f l d ódçã d Uvdd Fdl d ã l (Uf) Uvdd d ã l (U) Uvdd d bã (U) Uvdd ã Jd Td ã l. v d. N l dd lv é-l d 4 6 q á f d dvlv d dqd d. é q dfê ( x) d l dl d l bl z d úd d vd. flz d d q l d d d l dd bld. U d d dl d fçã á d d qdd d l bd l b d f dçd bl l d. ld ã dã q lí l qdd dqd. É d. fl l dá fçã d dd q lj dzd. O - d xl dçã d bbd lá d f d ál v lé d í d b qldd. O lx bé b já q f fb ê b íd lê úd d çú l d dçã. O l q d v q fçõ é f f xl d v fb. lá q ã l d vdd d dvdd l d ld d ç? N fl d l l d bl dd d l dçã l d d l é d f d úd d çã dqd. N dj é q l l qldd: j l qlbd ljd á. M l q d fldd ç. d fál f d çã d úd vçã d bl f. M Fb d ól é f d d l l d Md (M) d Uf. Tbé dd d C d fldd l d I Hl Ifl bá Cl lb N-d-ld d d d d l dá d b 4 (d) l d ç bl (d) l d ç bl 5

4 Obdd fl bl C d çã d d F- q úl d d xlv d dl. N úl déd x d bdd q q d d. C qê l é ç xbd bl d úd q dd ó lá f ã l lçõ ból db 2. d ívl ú ld l ql x d d ã á dúvd d q lçã dqd q ç d vz d q d ã áv ldd. f: *q Nl d úd 2013 d I l d Gf í (b) Mé d úd ** d vlâ l l (IVN 2014) 608% d q d 2 já b bl bl.* 323% dl f fl.* x d vlê d b bdd ç bl d 5 d ã dáf (2013)** 18% 19% 185% 182% 175% 184% 211% 82% 79% 73% C- Nd N l -O N í v d 094% d b úl ç fâ.** 84% 79% Qd ç é d b d dl b. Hj çã já é b : 77% 8% 73% 76% 85% 81% 74% d 79% 58% l d b b Obdd 569% 208% d dl ã x d.* dl ã dd b.* 6 (d) l d ç bl (d) l d ç bl 7

5 O l dl O l dd fçã U d é lçã qlbd fâ é lz d fçõ d. O fé d ã lç j ã dd d vdd d. N vl d- d l. l ã ã ã. fl qd ç l q fçõ dê é f bl q ã dfl ã dáv. ld: xd lç j. l bé ã l f fçõ d q l á. fê d dv vl d d ê. Vj ld q dd õ l bld. f: bd l f l á ã bl bl. M é f à çã já q x d ld f d d. 1FUT l ã ql q d d q l j fá d d. M çã v b b dd. 1 í N l f d ã bbd lá qj... lv l ó é dd l fçã. 1 bbd l jd d d líqd d d vdd fí. á á á d. dd ã võ çú. 8 (d) l d ç bl (d) l d ç bl 9

6 fl d C q fl d N l d q ç d 4 11 d dd. C jd d f vd d fçõ d q l ã f d ál. N l é f d q f vl l dá d é-l dd 4 6. é v: ã d l d d l. Nú d x 50% ç d 4 6 ÃO l l 8% C-O 15% l 30% 47% d + C + N + Nd 50% 31% 48% 21% 10 (d) l d ç bl (d) l d ç bl 11

7 dl C vl l O à d f ld fçõ b fçõ ád d q. 1 2 dd b çõ qá. Nl l dvdd. ê d d d d l: d fé d ã; fé d ã; fé lç; d lç; lç j; d j. O j d ld. l 3 O áv bé dl qdd d f dd xí l... 4 M d ll d. l çõ d : à ; ã à ; ; l f-fd; lv; l; v; ll d vdd d lz q; ; d d ; úbl; d fl. dd 5 f f q ç lv: z; dl; d ó d ç; d dl ç. 12 (d) l d ç bl (d) l d ç bl 13

8 QUTIONÁIO ITN d ã Idlzd TIT O QUTIONÁIO TUTUO d ã Idlzd ã ICOITO GUO TUTUO ã TIT UI UI LIT GUO ITN O QUTIONÁIO TUTUO GUO QUTIONÁIO TUTUO C GUO ITN O QUTIONÁIO TUTUO CONTIO M C GUO d ã Idlzd M C GUO ÃO d ã TIT ã LIT GUO ITN O QUTIONÁIO TUTUO ld C l ã ã d d ã Idlzd ã ICOITO C d C l d ã Idlzd ã TIT UI UI CONTIO M C GUO M C GUO OM CONTIO C OM ÃOd ã ã d d ã M Idlzd C GUO d ã ã C C l CONTIO M C GUO ld ld C l L ld ã ICOITO C d OM OM L ã C d ld C l d ã Idlzd ã TIT UI ÃO ld ã d d ãidlzd ã C ld lvl ld ld ld lvl ÃO ã d d ã Idlzd ã l GUO ITN O QUTIONÁIO TUTUO d ã ã TIT UI OLO ld ld ÃO ã d d ã Idlzd ã d ã Idlzd C ld lvl L ã C d C ld lvl ÃO ã d d ã Idlzd ã GUO QUTIONÁIO TUTUO l f dvdd ldd M áb d OLO CONTIO C GUO L C d OM GUO ITN Oã QUTIONÁIO TUTUO ã C d LGINHO ld d T zz d T zz C ld lvl L ã C d GUO TUTUO L ã C d QUTIONÁIO GUO CONTIO LIT OM M d C LIT M C GUO T zz OLO LGINHO ld d T zz GUO ITN O QUTIONÁIO TUTUO M C GUO GUO QUTIONÁIO TUTUO OLO LIT C l CL Cl Cl Ml ICOITO C l Cl Cl Ml LIT LGINHO ld d T zz OLO ÃO ã d d ã Idlzd ã CONTIO M C GUO OLO M C GUO ICOITO GUO ITN CONTIO M C GUO GUO C Cl Cl Ml ld d ã Idlzd ã TIT UI CL Cl Cl Ml ld C l ld C l l L ã C d ÃO ã d d ã Idlzd ã MNT C Ml Nz d C Nz ã Idlzd ã ld C l TIT UI CL Cl Cl ld LIT ld lvl ICOITO ã C d ld ld ld lvl ld UCO L ã C d ÃO ã d d ã Idlzd ã ICOITO ã C Nz ã d d ã dlzd ã l ICOITO C Ã d ã lvl OM MNT C LIT QUIJO TIT-UI ld d dí lvl C l ld d ã Idlzd ld C Nz l TIT UI UCO OLO C ld ICOITO ã ld lvl QUIJO Qj l Gl Qj l MNT Gl Qj OM L ã C d C Nz ld C l zz C T l d d T zz C ld lvl ld C l ld ã C d ld OVT OLO ld C l l Gl Qj l dlzd ff k bw wffl Gl CCld qjã QUIJO Qj l Gl Qj CCld qjã OLO OM LÁCT ld d T zz OM LGINHO ld d T ld zz d T ld zz ld ld ld lvl C ld lvl ld ld OLO QUIJO Qj l Gl Qj CCld qjã Cl Cl Ml Gl CCld qjã Cl Cl Ml LGINHO ld d T zz C ld d b d d ICOITO lvl ld lvl FIGNT C ld lvl ITO ICO FIOHMÚGU l b ld b ld C ld lvl Gl CCld qjã Cl Cl Ml LIT I À LIT CL Cl Cl Ml Cl Cl Ml ldb d lvl d T zz LGINHO ld d T zz FIGNT ld C l ICOITO LIT ld C Nz l FIOHMÚGU llb d Cl Ml T zz C Nz lb d CL T Cl LIT LGINHO UCO C l zz UCO L LGINHO ld d T zz LGO TO IZZ ld ld C l ld d zz LGINHO ld ICOITO d T FIOHMÚGU llb C zz C Nz lb l MNT Nz C Nz C l Cl Cl Ml Gl CL Cl Cl Ml UCO LIT L ld UCO l Qj C ld lvl FUT F-Mã ld ld l Gl Qj Mã CHÁ MNT C Nz C l l lb CL Cl Cl Ml CIld d Cl Cl Ml TUÉCULO CL Cl Cl Ml C l ld lvl CL Cl Cl Ml l Gl Qj Mã qjã (Mã) F-ljTKw FUT F-Mã Qj l Gl Qj C ld lvl CCld qjã F-ljTKw l MNT Gl Qj ld ld CCld C QUIJO Nz C Nz TUÉCULO ld lvl d z UCO ld OLGINO MNT LGINHO ld T zz QUIJO Qj l Gl Qj UCO FUT FUT F-Mã MNT C Nz CCld qjã F-ljTKw C Nz (F Cí G) O F (Mã) F-ljTKw Gl CCld qjã G) O F CCld qjã C ld lvl MNT C Nz FIGNT d T zz UCO C Nz FIGNT Gl Qj lvl LGINHO ld d T zz ld G) MNT QUIJO O F Qj Q j l l qj b l Gl CCld qjã (Mã) F-ljTKw l l Gl Qj I NGÉTIC F () F L O C (F Cí G) O F ) F L O C OMGÃO d T zz QUIJO FIGNT ld qjã CL l Cl Cl Ml FIGNT FIGNT QUIJO Qj Gl Qj lb l Gl Qj FIOHMÚGU l lb LGINHO ld d T zz (F Cí G) O F QUIJO Qj l Gl Qj CCld qjã ) F L O C Gl CCld qjã OMGÃO L Cl ClQUIJO Ml F dd F () F Qj L O C l Gl dd L d T zz Qj CL Cl Cl Ml FIOHMÚGU l blq d l Gl CCld qjã lb CCld qjã l lb lb Cl Cl Ml VU LGUM F () F L O C Gl CCld qjã FIO bd dd L l bú MNT C Nz C O F dd Gl CCld qjã O L Mã FIGNT Mã l lb CL Cl Cl Ml FIOHMÚGU l TUÉCULO C Nz TUÉCULO F dd Cl Cl Ml O C Nz UCO C O FIGNT TUÉCULO FIOHMÚGU ll Mã F (ê d ã) f F-ljTKw C MNT QUIJO FUT Qj F-Mã F-ljTKw Mã FIOHMÚGU Nz FIOHMÚGU lb TUÉCULO l lb í f Cl d ll O Tbl f Gl (b) Qj Tbl TblCHOCOLT dfut Tbl TUÉCULO UCO C L FUT F-Mã MNT C Nz f l f ddd l lb F-ljTKw G) O F l Gl Qj lb (Mã) F-ljTKw G) O F F-ljTKw lb Tbl C QUIJO NzTbl l d Gl CCld qjã d f Qj l Gl Qj CHOCOLT Cl Tbl d Tbl L l lb UCO l Gl Qj (Mã) F-ljTKw Mã G) O F ) F L O C FUT F-Mã OMGÃO ÇÕ CCld qjã (F Cí G) O F ) F O L O C G) F OMGÃO CHOCOLT Cl Tbl d Tbl TUÉCULO Gl CCld qjã Cl LG QUIJO Qj Gl QjF FUT F-Mã Cl l bl d bl d l CHOCOLT Mã CCld qjã (F Cí G) O FUT F-Mã F-ljTKw ) F L O C l Gl Qj OMGÃO dd (Mã) F-ljTKw FIOHMÚGU l L llcl TUÉCULO F () F L O C FUT F-Mã dd lcl ) F L O C OMGÃO Cl FIGNT CNOVO Gl CCld qjã (Mã) F-ljTKw F-ljTKw l l l F () F L O C (Mã) F-ljTKw G) O F dd CCld qjã lcl O (F Cí G) O F L l FIOHMÚGU llb F-ljTKw dd L llcl F (Mã) O dd FIGNT CNOVO lb G) O Nl F (F Cí G) O F CN OVO IOGUT I F I Nl I F dd L llcl (F Cí G) O F ) F L O C O OMGÃO F () F L O C I fl l bzd l lb L C O (F Cí G) O F O FIOHMÚGU l FIGNT lb l d f F F L O C Tbl I dd F Nl FUT Nl L O C C l l() I F-Mã ) bzd I Nl I C l IOGUT I F I Nl d Tbl OMGÃO I C O L IOGUT F () F L O C F dd l líqd GLTIN F () F L O C GLTIN l lb Mã bb l fd IOGUT I F I Nl F dd Tbl d Tbl lb I Nl I C l (Mã) F-ljTKw FUT F-Mã dd TUÉCULO F I L I G I bzd I Nl I C l CHOCOLT Cl Tbl d Tbl I L I G I Tbl d Tbl F dd O C O L GLTIN F dd Mã F-ljTKw CHOCOLT Cl Tbl d Tbl TUÉCULO bzd I Nl I C l C O I L I I (F Cí L G) O F (Mã) F-ljTKw O Líqd b L Fd F I I G I Cl b L G Fd FUT F-Mã C O C O F-ljTKw Mã lcl G) O F lcl Cl F I I G I Tbl d Tbl b L Fd CHOCOLT Tbl d Tbl TUÉCULO CNOVO F () F L O C (F Cí L G) O F Líqd b L Fd CNOVO (Mã) F-ljTKw G) O F CHOCOLT Cl Tbl d Tbl lcl F-ljTKw ) F L O C TblCHOCOLT d Tbl llcl OMGÃO L lcl Líqd b L Fd Cl Tbl d Tbl CNOVO F dd F () F L O C CHOCOLT Cl Tbl d Tbl (F Cí G) O F CNOVO I Nl I Nl ) F L O C (d) l d ç bl L llcl 14 G) O F OMGÃO dd Cl Cl C O F dd Cl F () F Nl L O C I Nl I Nl I C l IOGUT I F I I Nl I C l I Nl dd lcl ) F L O C L llcl OMGÃO GLTIN O GLTIN CNOVO GUO ITN O QUTIONÁIO TUTU LIT L L ld F GUO ITN O QUTIONÁIO TUTU GUO CONTIO M C GUO L L ld F GUO LIT TIT UI L ld L l CONTIO M C GUO v M léo v M léo TIT UI LIT L ld L l ó Cfé C L Vd F v M léo b L C OM L L b L C v M léo ó Cfé C L Vd TIT UI d C L L f F OM GUO TIT UI L b L C b C Fld b C Fld L L b L C TIT UI d C L L f TIT UI M Fld ITN O QUTIONÁIO TUTU v M léo b C Fld GUO OM b C Fld M L Fld ITN O QUTIONÁIO TUTU OM CONTIO M C GUO L L ld F v M léo L L ld F OM L b L C GUO OM Cfé O C dç Cfé d CONTIO M C GUO ITN O QUTIONÁIO TUTU L ld F L ld L l L b L C LIT L ld L l L ld F b C Fld Cfé O C dç Cfé d TIT UI Cá CONTIO M C GUO ITN ONTIO M C GUO LIT L ld L ó Cfé C L Vd b C Fld ó Cfé C L Vd F F L ld L l l Cá TIT UI L L ó Cfé C L Vd d L f LIT OM d C L L f C F L Cld ÁUCO F F F ó Cfé C L Vd F TIT UI LIT - v M léo L L ld F L ld d C L f F Fld L C Á LIT L F M L OM UCO LIT M L Fld Cd ócd d C L L f v M léo L L C L ld L l v d lé à b d b. UCO ó Cfé C L Vd F M L Fld Cd ócd À j M L Fld OM l b lá fl d L b L C v M léo F Cfé O C dç Cfé d b C Fld ó Cfé L f Vd Cfé O C dç Cfé d d C L L À j b Fld L ld Cfé C dç d L Cá d C L L f FIGNT Cá b d l L O C Fld éb f LIT L vcfé C f Cfé O C dç Cfé d M l ld l l ó L L ld F l v f Cá b Fld bfé d L C Fld FIGNT éd bd LIT v f M Cá l l íf bbê d é L L ld F F C Á L ld fld FO C Cl ÁL L L Cfé l F Fd ldvd Fl 6 l FIGNT Cfé dç LIT L ld L l O C Á F L F ldvd Fl L Cd ócd ó Cfé L Vd Cfé dç Cfé Cd ócd F F C Cld ÁL UCO Fd F Cá Cfé dç fé dçd á TUÉCULO Tbél F Tbél d ó Cfé C L Vd UCO L Cd ócd L ld L l À j d C L L f F Cá À j Cd ócd Tbél Tbél d f á d f d d TUÉCULO Czd d C L f ód F j F Fld L C Ád F F À ó Cfé C L Vd UCO M L bbd à b j À j TUÉCULO UCO Czd b v ff F Fld é Á bd d éc ócd v F M L UCO Cd d C L L f UCO bd év OMGÃO C C é M fd b é v Cfé Cd f bd d L O Fld FIGNT é dç ócd v Cfé f À j M C é M ldvd Fl L OMGÃO ldvd Fl L T M Ml L Cfé O C dç Cfé d FIGNT Cá À j ld vd fl l OMGÃO ldvd Fl L T M M z ldvd Fl L Cá bd C O C é dç L UCO vml Cfé L fd Cfé FIGNT Tbél F Tbél d Tbél Tbél Tbél d zd M z F éc F bd f C F FIGNT Á L vd f Il Gã(fjãLlj FIGNT Cá UCO FIGNT Tbél F Tbél d Czd TUÉCULO Czd Tbél Tbél d Gã(fjãLlj FF C ócd ÁL C L O F ldvd Fl Il Cd é-d ê TUÉCULO UCO L Czd l d ldvd Fl Czd Cd ócd L F C Á C L O F é-d À j L ld l à b d l C é M C é M Tbél F Tbél d z b z l ã TUÉCULO À j Cd ócd ld FIGNT (fjã ll j...) é-d TUÉCULO C é Tbél M Tbél F d T M Ml L OMGÃO C é M TUÉCULO Czd ld b d é v f CNOVO TUÉCULO C Vl F x Ov À j FIGNT OMGÃO T M Ml L M C z Czd M C z T M Ml L b d é v f C Vl F x Ov L CNOVO Ov CzdOl C vl f x l f C C Gã(fjãLlj FIGNT CNOVO é MFl L M z Il OMGÃO v ldvd Il Gã(fjãLlj M C z bdczdol zd é v f Ov L OMGÃO C é M ldvd Fl L OMGÃO T Ml L Il Gã(fjãLlj é-d C O TUÉCULO GLTIN OMGÃO é-d C O Gl M Il Gã(fjãLlj Gl L Tbél F Tbél d T M Ml L M z é-d C O ldvd Fl L GlC ld TUÉCULO GLTIN ld é-d C O Tbél F Tbél d Czd M C GLTIN z Il Gã(fjãLlj ld ld TUÉCULO Czd Tbél F Tbél d C F x Ov OMGÃO Il Gã(fjãLlj C Vl Vl FC x Ov é-d O C é M C Vl F x Ov Czd Ov CzdOl OMGÃO é-d C O CNOVO Ov CzdOl C Vl F x Ov ld l d ç 15 CM (d) é M bl T Ml L CNOVO Ov CzdOl ld Ov CzdOl OMGÃO T Ml CVl C M é F M z Ov L Gl M Gl C x

9 L d ã M d 7117% d ç fz l d ã q l é d ê l. F í d d d l d 1538% Mã I l d f l l l - L fd 597% 575% 539% 949% 891% 1395% 128% 1229% l d d ã O ê l q ç d d d l l d ã NOT NOT NOT NOT 1741% d 1592% I l d f 1045% O ã fqê d d q 5%. f d f d l d d. ê Cbçõ fq d bl % Mã 217% d 755% I l d f CNTO-OT CNTO-OT UL UL UT UT 1388% d 1104% I l d f 761% % d 128% I l d f 891% + + F í 1395% d 1229% L fd 539% + + Mã 949% ld 474% I líqd bb 28% 1362% 1596% d 108% I l d f 16 (d) l d ç bl (d) l d ç bl 17

10 L d d O d íd 9669% d ç l d d q l é d ê l. ê Cbçõ fq d bl d 3055% I l d f 185% d d F í l l l d I l d f ã d d ld Mã d f dlzd v lé L ld f f - ldb d lvl Cl bl d ó d L fd d f á Qj l l l dlzd ld dlzd Cfé l I líqd bb L ld Tbl d l à b d l F í 22% % d % + + l d L fd 884% 2229% 22% 2049% 2006% 184% 1797% 151% 1237% 1193% 1122% 1107% 1107% 1086% 1071% 1057% 963% 884% 841% 791% 726% 705% 683% 661% 633% 618% 546% ld 151% Mã 1237% 3055% I líqd bb 661% l d d ã O ê l q ç d d d l l d d 2736% 2547% d 2453% d f dlzd 2911% 2629% d 23% I l d f NOT NOT NOT NOT NOT NOT CNTO-OT CNTO-OT d 433% I l d f 1642% 1642% UT CNTO-OT UT UT d 2522% UL F í 2418% UL L ld f 1224% UL 18 (d) l d ç bl (d) l d ç bl 19

11 ld dd 20 (d) l d ç bl (d) l d ç bl 21

12 Cl ã dá xl d ç d 4 6 dv d d l. N x dl é q d l (ã d) fç d l. Cdd l çã d- l q q é á d d djd d õ vd éd d l. ó l d ã ã C-O d d d f bx d dçã. Cb l q l fçã v ló. f: * 2012 COMdçãO NGÉTIC l d d = d 10 15% d vl é l* d kl l C éd d l l Mõ 198 l C-O L d ã N Nd L d d d 247 l (d) l d ç bl (d) l d ç bl 23

13 Cbd qdd qldd q dá É bívl d lz vdd dá. Nã à dv d 45 60% d l d l d d. d ã x dçã fl lçã à qdd d bd d f l dá. ã d 10% vl ávl. C b d q d d q fçõ dblz d d bd çd. xçã d l d ã C-O d f d. M d ã dá l d d úd d q. fl d lv d bd: l d l v d çú lx q djd fb. fl q é vl çã d d lbl lv q x dl d f d f d d. f: * 2002 dçã d bd d d I f d () = d 45 60% d vl é l* d d C éd d Cbd l Mõ 319 l C-O L d ã N Nd L d d d 40 l (d) l d ç bl (d) l d ç bl 25

14 çú d dçã Od d l íd d bdd Ozçã Mdl d úd (OM) bl q 5% d l dv v d çú d dçã j ql d dlzd q d dç fé. C b d d l l dá 225 d. Vj b: d. O bl é q q d çú l d ã d à d l ld l OM d l l q ld d çú d f blzd! N C-O d l vl 315%. Cd ã bv b fq d dlzd íd v bbd d d çú. f: * 2013 d l d çú = 5% d vl é l* 225 d! C éd d çú d dçã l Mõ 74 86! ó l d d q l l d çú d. l L d ã C-O L d d! N Nd d 83 l 97 C- 1315% d l N Nd 9911% d l d 933% d l l 80% d l 26 (d) l d ç bl (d) l d ç bl 27

15 çú d dçã O dq: b d d bbd çd d ç d l b d d l d ã q 1229% 3055% 151% 1107% 453% 1193% d ç d l b d d l d d q d ç d l f l d ã q d ç d l f l d d q d ç d l dlzd l d ã q d ç d l dlzd l d d q d çú d dçã çã d j d l dá dd ã d. d çú d dçã çã d j d l dá dd ã d. d çú d dçã çã d j d l dá dd ã d. d çú d dçã çã d j d l dá dd ã d. d çú d dçã çã d j d l dá dd ã d. d çú d dçã çã d j 3359% 393% 474% 3466 % 4451% 4085% d l dá dd ã d.!! 4303% d ç d 4 6 d ã!! b d d l d!! q N Nd d. I f ã d 1116 d çú d dçã çã d j 4959% d l dd d. q C-O 2453% d ç d 4 6 d ã dlzd l d d q 103 d çú d dçã çã d j 4578% d l dd d. 28 (d) l d ç bl (d) l d ç bl 29

16 Fb l d b ã l d ç fb ã b-vd lçã vá v. O d dl é l f d vl lb q ã d v fâ. lé d bâ fv l d ll dã çã d dd q jd f é lç j. d OM çã é () b d fb dqd ç b dd 5. I f q ã dá dl v d d õ d l l dá xd 20% d vl. O ld v vvl f d q d f f bj fb d d çõ d l dd. f: * 2012 b z q vl dl = dd + 5 * d 9 11 d C éd d Fb l Mõ 19 l C-O L d ã N Nd L d d d 22 l (d) l d ç bl (d) l d ç bl 31

17 í O lá fz d dfç O l ã d. O fz d d: í é d ávl l fçã çã d d d l f d. d l éd f d 5 d l. xçã f d C-O d ã d 3. M q dfç? É q ã dlzd d b fqê l l d d. Já d í q fê d d f ó f d í. Vl l q d ç l l ld íd v q fz d í d d. f: *v 2005 ão IÁI COMN l ê l d vlâ á (v)* é d 19 d C éd d í l Mõ 47 l 51! 36! O é bx dvd à ç d lá. 23 C-O L d ã N Nd L d d d 59 l (d) l d ç bl (d) l d ç bl 33

18 GOU N dd l ã á d d v vlã d ã dáv b f d. qã é q á võ q dv dzd xl d d ld v b. Qd l é d d qdd d d dç dí b. ld d d l b b úd d çã. l l d é-l b q ã d d l f ã N Nd d 86 íd d ã. O é q q b vl b d d fd d d l d ã f çd d C-O. d q d l l ã d d? I vvl ã q çã d ã xd fçd d d q ã é b d l l á bá-l dçã. f: * 2002 dbuição d GOU TOTl d = d 20 35% d vl é l* d d C éd d Gd l d d l Mõ Gd l l d ã l Gd l l d d C-O Gd d l d ã N Nd 83 Gd d l d d d 18 Gd d l d ã l Gd d l d d 34 (d) l d ç bl (d) l d ç bl 35

19 Cál O f -l dx f fv ã d dd d d l. d q ál d vd é ô d ql lá f dl q d d. l dá ã l ld b d d fâ. I q f d í qldd ã qj l j l q b f q fçõ. N q df q bl éd 120 l d ál l d ã 125 l d d. I f q dá dd dl d fl 355 l vdd df. É d q C-O d l f lçã à d l q vl á ld l d dlzd vz d. f: *v 2005 ão IÁI COMN L NVI* é d 600 d C éd d Cál l l Mõ 120 l C-O L d ã 134 N Nd L d d 186!! O l d ã d b ã d ál. 140 d 163 l (d) l d ç bl (d) l d ç bl 37

20 ód É fâ q d ód O d l çã d úd. q b d l. Qd é líqd vl d. í ã á j: ã l d b. bl flz ú d vz d ç. í â d ô d f l l d bâ bl dí ld... N d bv q l éd d ód d l d ã d d f d 457 l q 40% d l dd d. õ N Nd d l ã d l fçã ád d ã. dd çã é q q q b b d bâ é vdd l d z d d fçõ l f ld bd. f: * 2002 l d ã d ód ç d 4 8 d IOM* é d d C éd d ód l l Mõ 209 l C-O! L d ã N Nd L d d 127 d! d l d ód 40% d l dd d l (d) l d ç bl (d) l d ç bl 39

21 Clõ O q d b l d ç O b áb l dv bld f vd d l bd l bld l l l. U d é b çã é l f d fçõ d. l dá f fál v x à f d d. N q b q l ç é ê l dá ld l. O q é qldd d fçã. O l d d d vd ó q l l bx vl l. É bé f à qdd d l ã ó à qldd. d: ã C-O q é fq d b d d fçã ád d ã q lçã à õ ã d d íd f. I q çã d ã f ã d. F: ã á v l. O d çú d dçã f d l d. fl d õ d l ç l d ã d d q d qdd dá dd. dlzd f b d f d d d. Há ã q ã d çú 315% d q l d é. O l dá ã dv d d q fçõ. N vdd ã ó dd l d fâ ál. l á qj l çõ q b f l. O é dfíl ç d b f d ál lç j ã é? N f d q lçã lbl d é-l ld fé d ã lç j ã f ld. d ã dá lõ lçã à dqçã l d l d d d d d d. d já b dí d q f l d çú ód z d d dç ô f. 40 (d) l d ç bl (d) l d ç bl 41

22 éd q M Fb d ól f d Uvdd Fdl d ã l (Uf) dd d C d fldd l d I Hl Ifl bá l Wlf T l' N dd d l Uf Á N vdll N ó-dd d d Uvdd ã Jd Td ã l Cúd dl Tí M çã d b Qfélx j áf dçã Lí Ilçõ dé Mll vã Vv H C bykyl Ml T N d C d fldd l d I Hl Ifl bá ã l Cl lb N d ld d f d Uvdd d bã ã l d d d d l dá d çã l d Nl (b)

23 É VITL lzçã: :

O (doce) lanche DA criança brasileira. Um retrato inédito

O (doce) lanche DA criança brasileira. Um retrato inédito O (d) l ç bl U éd É VITL é d df d pí vl b à ldd fl à dçã à dç f. Ml bé à dçã. N x f q d pó d : d bdd ç. O ú ã dd fl pl d jv dl d p. Já çã q d d d pplçã ql x. Tl ldd x çã d pf d úd d v d p d dd d. p d dd

Leia mais

Resenhas. VIII Inverno HARDCORE. August BURNS Red Leveler (2011) SURVIVE TRINO. Evora (2009) Destroy And Revolutionize (2011)

Resenhas. VIII Inverno HARDCORE. August BURNS Red Leveler (2011) SURVIVE TRINO. Evora (2009) Destroy And Revolutionize (2011) l E f fl. v g. g g vg l á bé çõ v gg l x. à O v. f à l h çõ ç B E g j f q q é fz D N v D v ç l. D h. G lg v z C g í lv fé f l f P à l R l. g j l fl Já - g. S gé g ç v -l fz fé ví g gg. L. v D. A bl g z

Leia mais

ARMAZÉNS GERAIS ASPECTOS LEGAIS, VANTAGENS E SERVIÇOS

ARMAZÉNS GERAIS ASPECTOS LEGAIS, VANTAGENS E SERVIÇOS ARMAZÉNS GERAIS ASPECTOS LEGAIS, VANTAGENS E SERVIÇOS D i r e t o r E x e c u t i v o d a T O P L O G P o r R o d o l p h o C a r i b e A r m a z é n s g e r a i s s ã o e s t a b e l e c i m e n t o s

Leia mais

1 2 9, i n c i s o I I, d a C F ; e a r t i g o 5 º, i n c i s o V, a l í n e a s a e

1 2 9, i n c i s o I I, d a C F ; e a r t i g o 5 º, i n c i s o V, a l í n e a s a e P O R T A R I A n 2 0 1, d e 1 8 d e j u l h o d e 2 0 1 3. A P r o c u r a d o r a d a R e p ú b l i c a q u e e s t a s u b s c r e v e, e m e x e r c í c i o n a P r o c u r a d o r i a d a R e p ú

Leia mais

P RO J E T O E S P E C I A L : A R E S T / F AZ E N D A S E N H O R J E S U S

P RO J E T O E S P E C I A L : A R E S T / F AZ E N D A S E N H O R J E S U S P RO J E T O E S P E C I A L : A R E S T / F AZ E N D A S E N H O R J E S U S P ET A g r o n o m i a U n i v e r s i d a d e F e d e r a l d e L a v r a s U F L A / M G 1 R e s u m o J a m a i s c o n

Leia mais

U N I V E R S I D A D E F E D E R A L D A P A R A Í B A C E N T R O D E C I Ê N C I A S D A S A Ú D E

U N I V E R S I D A D E F E D E R A L D A P A R A Í B A C E N T R O D E C I Ê N C I A S D A S A Ú D E U N I V E R S I D A D E F E D E R A L D A P A R A Í B A C E N T R O D E C I Ê N C I A S D A S A Ú D E D E P A R T A M E N T O D E C I Ê N C I A S F A R M A C Ê U T I C A S C U R S O D E F A R M Á C I A

Leia mais

Folhas de Cálculo. O EXCEL como Folha de Cálculo

Folhas de Cálculo. O EXCEL como Folha de Cálculo Flh d Clul O qu é: U Flh d Clul é, dç, u ju d élul qu u glh u bl qu d l- vé d xõ lóg /u O qu : Ogzç ç d bl l d vl; F, í,, qu jud xu lul lx; Auzç d, vé d gç u d ódg d lul u d uld; Rç g d ç; d bl ulzd çõ

Leia mais

PRODUÇÃO AUDIOVISUAL EM EAD: AUTORIA ENQUANTO SUBSÍDIO PARA A FORMAÇÃO E ATUAÇÃO DOCENTE

PRODUÇÃO AUDIOVISUAL EM EAD: AUTORIA ENQUANTO SUBSÍDIO PARA A FORMAÇÃO E ATUAÇÃO DOCENTE PROUÇÃO AUIOVISUAL EM EA: AUTORIA ENQUANTO SUBSÍIO PARA A FORMAÇÃO E ATUAÇÃO OCENTE 2 PROUÇÃO AUIOVISUAL EM EA: AUTORIA ENQUANTO SUBSÍIO gpara A FORMAÇÃO E ATUAÇÃO OCENTE Slv BA Abl 2013 g -NTE/IAT/SEC/BA-7@gl.

Leia mais

REDES DE NOVA GERAÇÃO. m a i o r q u a l i d a d e, m a i s r a p i d e z, mais inovação;

REDES DE NOVA GERAÇÃO. m a i o r q u a l i d a d e, m a i s r a p i d e z, mais inovação; R E D E S D E N O V A G E R A Ç Ã O D E S A F I O e O P O R T U N I D A D E A P D C, 3 1 D E M A R Ç O D E 2 0 0 9 A S O N A E C O M A C R E D I T A Q U E A S R d N G S Ã O U M A O P O R T U N I D A D

Leia mais

A C T A N. º I X / 2 0 0 8

A C T A N. º I X / 2 0 0 8 1 A C T A N. º I X / 2 0 0 8 - - - - - - A o s d e z a s s e i s d i a s d o m ê s d e A b r i l d o a n o d e d o i s m i l e o i t o, n e s t a V i l a d e M o n c h i q u e, n o e d i f í c i o d o

Leia mais

BLOCO Nº 2 JORNAIS, BOLETINS, PANFLETOS D a N º 1. H i n o N a c i o n a l e H i n o d a I n t e r n a c i o n a l? 0 1 C U T N a c i o n a l 2. M o d i f i c a ç õ e s d o E s t a t u t o p r o p o s

Leia mais

A OLIMPÍADA BRASILEIRA DE FÍSICA EM GOIÁS ENQUANTO FERRAMENTA PARA A ALFABETIZAÇÃO CIENTÍFICA: TRADUÇÃO DE UMA EDUCAÇÃO NÃO FORMAL

A OLIMPÍADA BRASILEIRA DE FÍSICA EM GOIÁS ENQUANTO FERRAMENTA PARA A ALFABETIZAÇÃO CIENTÍFICA: TRADUÇÃO DE UMA EDUCAÇÃO NÃO FORMAL 1 UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO MESTRADO EM EDUCAÇÃO EM CIÊNCIAS E MATEMÁTICA Kll Kll Sá A OLIMPÍADA BRASILEIRA DE FÍSICA EM GOIÁS ENQUANTO FERRAMENTA PARA A ALFABETIZAÇÃO

Leia mais

J U R I S P R U D Ê N C I A F I S C A L A R B I T R A L ( 3. º E 4. º T R I M E S T R E S D E 2 0 1 2 )

J U R I S P R U D Ê N C I A F I S C A L A R B I T R A L ( 3. º E 4. º T R I M E S T R E S D E 2 0 1 2 ) i J a n e i r o d e 2 0 1 3 J U R I S P R U D Ê N C I A F I S C A L A R B I T R A L ( 3. º E 4. º T R I M E S T R E S D E 2 0 1 2 ) TAX & BUSINESS P r e t e n d e - s e, c o m a p r e s e n t e I n f o

Leia mais

Folheto/Encarte/Distribuição

Folheto/Encarte/Distribuição D 2 Dv X*, DT P f q y Hll K P z! 6 Il ç l, l f l lh y4 P Pl l! ç v Il q ã b 6 lh v fl h, lz l l jv x lç, ç v 76 à v: D 2,7 74 à v: lh v : : 85852 ó $ 4,5 vlh : 67 ó: 848 lh v : 2, 24, 46 : 886 ó: 857,65

Leia mais

PORTO DE SALVADOR - S U L D A Á F R I C A *

PORTO DE SALVADOR - S U L D A Á F R I C A * R O TA S D E N AV E G A Ç Ã O N O L O N G O C U R S O - M E R C O S U L - C O S TA O E S T E D A A M É R I C A D O S U L - A M É R I C A C E N T R A L E C A R I B E - G O L F O D O M É X I C O - C O S

Leia mais

A S N O V A S R E G R A S D E F A C T U R A Ç Ã O

A S N O V A S R E G R A S D E F A C T U R A Ç Ã O i I N F O R M A Ç Ã O F I S C A L N º 3 J a n e i r o 2 0 1 3 A S N O V A S R E G R A S D E F A C T U R A Ç Ã O N o s e g u i m e n t o d a L e i d o O r ç a m e n t o d o E s t a d o p a r a 2 0 1 2 e,

Leia mais

PROPESP DIVULGA A REABERTURA DE RECONHECIMENTO DE TÍTULOS OBTIDOS NO EXTERIOR

PROPESP DIVULGA A REABERTURA DE RECONHECIMENTO DE TÍTULOS OBTIDOS NO EXTERIOR Níc PROPESP DIVULGA A REABERTURA DE RECONHECIMENTO DE TÍTULOS OBTIDOS NO EXTERIOR A Pó-R Pq Pó-Gçã PROPESP, públc p chc, REABERTURA cb pc Rchc Dpl c b x c b P N.º 0746/2016-GR/UFAM. PROPESP vlg çõ p c

Leia mais

Módulo I MOTORES DE BUSCA NA INTERNET

Módulo I MOTORES DE BUSCA NA INTERNET Módul MOTORES E BUSCA NA NTERNET duç Pqu d ç d gé Pqu d ç B d d Ulzç d d -l F d duç -l @2007 v 1 O qu é? A é d udl d d d ud qu uç l qulqu ud d ud, d lh u C u? Avé d u ju d l (g d uç TCP/P) qu ê gd vg d

Leia mais

B O L E T I M I N F O R M A T I V O

B O L E T I M I N F O R M A T I V O P R Ó - R E I T O R I A D E E N S I N O E D I Ç Ã O 0 4 - A N O 0 2 B O L E T I M I N F O R M A T I V O M A I O D E 2 0 1 5 A C O M I S S Ã O P E R M A N E N T E D E P R O C E S S O S E L E T I V O D A

Leia mais

Diversão e cultura para a gurizada - Nº de outubro de é dia de comemorar

Diversão e cultura para a gurizada - Nº de outubro de é dia de comemorar Dvã l z - Nº 79-13 2013 AL I C E P S E EDIÇÃO á v ç é Pí, 13 2013.l.. 2 O f F çã jl O h çã E G Pv 15 Ró T C Cç f h ô çã ê lç l. Jé Alx Slv Jú, 8, E.M.E.F. Jã XXIII, Al Nv f v 7 8. Gl L, 10, GEO Tú, Jã

Leia mais

PROJETO FIC IFES PRONATEC

PROJETO FIC IFES PRONATEC NTTT FAL PÍT ANT AMP NVA VNA Mg y 799 Lz 29830-000 N Vé 27 3752-4300 PJT F F PNAT NTFAÇÃ - Ax A p N Vé N Vé - 30/06/204 04//203 2 - N Tí g Ag N 20/05/987 PF 7265577-40 M p 788725 - @fb g A Açã Lçã Ap p

Leia mais

Off. almanaque 21 ANOS. Sina. Off. almanaque. [circo teatro de rua] 21 ANOS. Sina. [circo teatro de rua]

Off. almanaque 21 ANOS. Sina. Off. almanaque. [circo teatro de rua] 21 ANOS. Sina. [circo teatro de rua] q q Off S Off S 21 ANOS 21 ANOS [ ] [ ] ÍNDICE Içã 3 P 4 Ráv Púb 5 Açã 6 1. A A Cçã 9 2. T R E C-T 17 3. Dg Phç 33 4. C-T R 41 Lh T 51 C Az - R B T R 52 Cçã E Ab Lí Tx Ab Lí L M Rh Rg Ch E A Vv C Eí Sv

Leia mais

Quem são? Um refugiado é toda pessoa que devido a temores de ser perseguida por motivos de raça,

Quem são? Um refugiado é toda pessoa que devido a temores de ser perseguida por motivos de raça, g u f R d Qum ã? Um fugd é td p qu dvd tm d pgud p mtv d ç, lgã, ncnldd, p ptnc dtmnd gup cl p u pnõ plítc, ncnt f d pí d u ncnldd nã p u nã qu c à ptçã d tl pí. Ou qu, ccnd d ncnldd tnd f d pí nd tv u

Leia mais

PROJETO FIC IFES PRONATEC

PROJETO FIC IFES PRONATEC MNT A AÇÃ NTTT FAL PÍT ANT AMP NVA VNA Mg y 799 Lz 29830-000 N Vé 27 3752-4300 PJT F F PNAT NTFAÇÃ - p p N Vé N Vé - 30/06/204 29/0/204 2 - p N Vâ Mq N 02/05/988 PF 23983487-09 AP 9362 q@fb g A Açã Lçã

Leia mais

A Páscoa vem aí! Saiba como aproveitar esta época tão saborosa.

A Páscoa vem aí! Saiba como aproveitar esta época tão saborosa. Rv Bl A Rlã 4 - º 15 M/Ab - 2012 www.l..b A Pá v í! Sb v é ã b. 2 El Pz L P ç, l b í: Ilbl é í O A Rlã já lj í Pá. A Il l,, F R ló, v. A z Sb. N çã, b b ó bl lj. A Pá x Rv Rlã z ABC Pl, v bé l b çõ çã

Leia mais

Design de aplicativos moveis

Design de aplicativos moveis Design de aplicativos moveis Os dispositivos móveis mais comuns : S m a r t p h o n e ; P D A ; Te l e m ó v e l ( pt) / C e l u l a r ( br); C o n s o l e p o r t á t i l ; U l t r a M o b i l e P C ;

Leia mais

(A Themistocles Machado)

(A Themistocles Machado) (A Th Mh) BRAZL á 58 Hh Dg Bh fô gv g Bz v F Hh Pg ê h F f 598 A 585 gv L B A< Pb F Bb v v ãó f z v Phyb vz vzg f fz N v x h P Ch S; Aç h b fv T ffê fz á J? 4 REVSTA bb hb g j çõ fz v h b z ç gv g Dg Bh

Leia mais

Minha vida está mudando.

Minha vida está mudando. U jt v vv. Mh v tá. Q á, z, t Q. 11 h t M é Alc b h l t g, c FLR DA IDAD. t ql. c l, ã, q é pcólg c z. l íc f tã é ã cêc Sb, t l t c é É, t, t b. h c M. g c p lh! t q h c Pq t, tbé c t j, q é, bc, á c.

Leia mais

CADASTRO DE FORNECEDOR

CADASTRO DE FORNECEDOR VÇÃ F ZÃ L F XLV LFÔ ÓG VÓ F Ã VL ÓG J (F) ÓG F J/F L G/J/F ÇÃ L ÇÃ L º G. L Ç (LG, B) Í LF () FX () -L Ç : (L) G Ç -mail : Fax : Í LF () FÍ JÍ 1-FB 2-ÇÃ VÇ 3-É 4-É/ÇÃ VÇ 5-FB/É 6-FB/ÇÃ VÇ 7-FL LBL G F

Leia mais

Nota10 ESCOLAS DA DIVERSIDADE

Nota10 ESCOLAS DA DIVERSIDADE A fl Clg, Al Glbg: l g q PÁGINA 8 N10 A 13 ú 48 bl//jh 2013 Pblçã l Fçã AlMl Bl ESCOLAS DA DIVERSIDADE Pj Fçã AlMl Bl úbl b blh lã ç fê l l l PÁGINAS 4 E 5 ARUIVO FUNDAÇÃO ARCELORMITTAL BRASIL O l Jé f

Leia mais

Módulo III. Processadores de texto

Módulo III. Processadores de texto Módul F d O Pd d x Flh d Clul F d duvdd @2006 Módul v 1 Pd d x Uldd í djv Wwd d d x Ed u du Sl x Tblh u du Fç d g Fçõ gé Fçõ d x A lz l lu ú @2006 Módul v 2 Pd d x F d dh Tbl M uç Plzç d l dl Cç d lzd

Leia mais

Por que escolher a CWC?

Por que escolher a CWC? P q lh CWC? t õ ç t 1. I i l ã à t t N it, l it, l ti á g l f E g i. t lê g I ívl t é á ti, tblh lh it h l. z i lh i iglê 4. V i Ativ Of i vi g tivi lt t i ii t. E tiv t v i ã t it çã tbé t t, xõ til lt

Leia mais

PARANAENSE DA PRIMEIRA DIVISÃO SÉRIE PRATA PARANAENSE DA SEGUNDA DIVISÃO SÉRIE BRONZE INSCRIÇÕES INSCRIÇÕES ABERTAS ABERTAS DIA 24 DIA 28 ULTIMO DIA

PARANAENSE DA PRIMEIRA DIVISÃO SÉRIE PRATA PARANAENSE DA SEGUNDA DIVISÃO SÉRIE BRONZE INSCRIÇÕES INSCRIÇÕES ABERTAS ABERTAS DIA 24 DIA 28 ULTIMO DIA Federação Paranaense de Futebol de alão ====================================================================================== ua arechal Deodoro, 869-15º ndar - Conjs. 1505/06 - CP.: 80.060-010 Fone/Fax:

Leia mais

PARANAENSE DA PRIMEIRA DIVISÃO SÉRIE PRATA PARANAENSE DA SEGUNDA DIVISÃO SÉRIE BRONZE INSCRIÇÕES INSCRIÇÕES ABERTAS ABERTAS DIA 24 DIA 31 ULTIMO DIA

PARANAENSE DA PRIMEIRA DIVISÃO SÉRIE PRATA PARANAENSE DA SEGUNDA DIVISÃO SÉRIE BRONZE INSCRIÇÕES INSCRIÇÕES ABERTAS ABERTAS DIA 24 DIA 31 ULTIMO DIA Federação Paranaense de Futebol de alão ====================================================================================== ua arechal Deodoro, 869-15º ndar - Conjs. 1505/06 - CP.: 80.060-010 Fone/Fax:

Leia mais

Módulo II. Sistemas Internos de Informação. Redes e serviços de comunicação Sistema interno de informação da ESTV. Módulo II

Módulo II. Sistemas Internos de Informação. Redes e serviços de comunicação Sistema interno de informação da ESTV. Módulo II Módul S d ç Rd vç d uç S d ç d ESTV @2007 Módul v 1 Rd Svç d Cuç C d d l Cl d d d uç C b d u d Rd Eh W Tlg d à Svç @2007 Módul v 2 C d d l Tl =? U d d l é u d uç uíd vé d lgç d v ud u dv, ldd d ç lh u

Leia mais

INCLUSO. consulte RELÓGIO DIGITAL. Vinhedo Tel: 55 (19) 3886-3003 Daniela - (19) 3515-5673

INCLUSO. consulte RELÓGIO DIGITAL. Vinhedo Tel: 55 (19) 3886-3003 Daniela - (19) 3515-5673 ML E 9.9.235.582 O V - º37 - BL/MO/JUHO/2013 V E O O HOW-OOM EEL E M E OM.04 07 quím E LO.01 lu MELHO EÇO MEO OVE!!! M u MEO E EEU.02.08 MEE f EE ul l B Ep p qu m: m Vál 01 /m 3013 /julh 2013 LUO ul ELO

Leia mais

KV-29FS150. Manual de instruções. Conexión de equipo adicional 3-210-910-51(2) 2007 Sony Corporation Impresso no Brasil

KV-29FS150. Manual de instruções. Conexión de equipo adicional 3-210-910-51(2) 2007 Sony Corporation Impresso no Brasil xó q 3-2-9-5(2 õ K-29F5 L h 27 y B Ê ÇÕ v í hq é, xh v à hv z hq é, z x q j ÇÃ HQ LÉ Ã B ÇÃ v hq é: Ã B v, é q y í ó á õ,, q hq é í ó á q à õ (v õ q h h v ( v óx í ê ÇÃ Ç h v -22 5/6 Hz HQ LÉ, X L L LÉ

Leia mais

ba l h e m. sab e r se h a. foy, ti m Soa. s re. e m. h oss. e a. a d. tra

ba l h e m. sab e r se h a. foy, ti m Soa. s re. e m. h oss. e a. a d. tra 96 R: VS A ( ) () b C O M b q fy q S y q P v C ç z q ff q q 24 V C ç B z q q q q q í q ã f O q M ã b ::; q z R q ã q y b q fz q P R v f F N S P z (P b M 30 q G Sz çõ Pá v v Ab qq ff ã v Cô q f z z A B

Leia mais

VI Seminário Latino-Americano de Geografia Física II Seminário Ibero-Americano de Geografia Física Universidade de Coimbra, Maio de 2010

VI Seminário Latino-Americano de Geografia Física II Seminário Ibero-Americano de Geografia Física Universidade de Coimbra, Maio de 2010 VI Seminário Latino-Americano de Geografia Física II Seminário Ibero-Americano de Geografia Física Universidade de Coimbra, Maio de 2010 Delimitação de Unidades de Paisagens e D esmatamento em Áreas próx

Leia mais

APROVADO EM INFARMED

APROVADO EM INFARMED L flh - C flh. P l. - C h ú, l é fê. - E f. Nã á-l : -lh jl q. COMPOSIÇÃO: C é: Czl - 200 Ex q.b.. - 1. Ebl 10, 20, 30 60 KETOMICOL - C Czl FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÃO: Kl - C 200 zl, çã l bl 20

Leia mais

QUJ ZE A - - - - denominada dramatica, no

QUJ ZE A - - - - denominada dramatica, no QUJZEA \ õo ; ; ; ;;;; ;;; ;;;; ;;;; ;;;;:;; ; :;;; ;;;; ; ; ;;; ; ; ;;;;;;;;;;;;; l y ql J c ç vg 1 q " l l c 1 l h q llc c cj g c ff b c v xc ç ã l c z 1 ch M 1 ff ç c xcçã x f qll h q c z vz gõ zl ch

Leia mais

B e n j a m i n C o n s t a n t B o t e l h o d e M a g a l h ã e s ( 1 8 3 6 / 1 8 9 1 )

B e n j a m i n C o n s t a n t B o t e l h o d e M a g a l h ã e s ( 1 8 3 6 / 1 8 9 1 ) B e n j a m i n C o n s t a n t B o t e l h o d e M a g a l h ã e s ( 1 8 3 6 / 1 8 9 1 ) B e n ja m i n C o n s t a n t, c o m o c o s t u m a s e r r e f e r i d o, é c o n s i d e r a d o c o m o o

Leia mais

Tabela de Vinculação de pagamento Manteve o mesmo nome DDM SIAFI-TABELA-VINCULA-PAGAMENTO

Tabela de Vinculação de pagamento Manteve o mesmo nome DDM SIAFI-TABELA-VINCULA-PAGAMENTO Segue abaixo dados das DDMs que mudaram para o PCASP, tanto as que mudaram de nome como as que mantiveram o mesmo nome. Para estas, os campos que serão excluídos (em 2015) estão em vermelho e os campos

Leia mais

GUARITA / FACHADA GUARITA / PLANTA COBERTURA

GUARITA / FACHADA GUARITA / PLANTA COBERTURA MP i:% MP i:% MP i:.0% ÚLMO ÁO LZ O VO: OMO FÊ L00 PLJMO LVMO O PL00 PLJMO PLJMO XÇÃO O OOL O POJO FLVOPP_Levantamento_ev0..0.0.0.0.0.0.0.00.0.0.0.0.0.0.0 MOLOG FÇÃO X V. OL FO.. PO LHO V G GÇ..0... L

Leia mais

O E n g a n o d o E s p e l h o A C o n s t i t u i ç ã o d o S u j e i t o. S u z a n a M a r i a d o E g i t o R o d r i g u e s

O E n g a n o d o E s p e l h o A C o n s t i t u i ç ã o d o S u j e i t o. S u z a n a M a r i a d o E g i t o R o d r i g u e s O E n g a n o d o E s p e l h o A C o n s t i t u i ç ã o d o S u j e i t o S u z a n a M a r i a d o E g i t o R o d r i g u e s E s p e l h o, e s p e l h o m e u... d i r á a b r u x a m a l v a d a

Leia mais

.'*_. Que des pi ante! Barra, Nelson X.iiaimy Delphlm Pereira, o

.'*_. Que des pi ante! Barra, Nelson X.iiaimy Delphlm Pereira, o ^~^ _! C ;# Dl EDUNDQ BTTENCURT U N llll Ulvl vlff0 NN lll-n 2636 ^f-^^ DE JNER - SEXT-FER 3 DE UTUBR DE 908 p pp f x - Rçâ R v 7 Q p! EXPEDENTE lgl D ã v g l B Nl Xy Dlpl P HJE llç búb v ll flll llk pl

Leia mais

O P a pel da M ídia no C o ntro le da s P o lític a s de S a úde

O P a pel da M ídia no C o ntro le da s P o lític a s de S a úde B ra s ília, 26 de s etem bro de 2009 C o ntro le da s P o lític a s de L uiz R ibeiro FU N Ç Ã O D O J O R N A L I S M O J o r n a lis m o é a a tiv id a d e p r o fis s io n a l q u e c o n s is te e

Leia mais

ano Literatura, Leitura e Reflexão m e s t re De quem e a vez? José Ricardo Moreira

ano Literatura, Leitura e Reflexão m e s t re De quem e a vez? José Ricardo Moreira S 1- Litt, Lit Rflxã 3- t D q vz? Jé Rid Mi Cpítl 1 P gt Td é di pfit p l: U liv lgl, d lid. E t d di fz d! P Hê: U di vô lá íti, vid hitói d tp q l id gt. P Hit: Ah, di d ihd, it l, it ág, it hi! P L:

Leia mais

INSTITUTO BRASILEIRO DE PESQUISA SOCIAL

INSTITUTO BRASILEIRO DE PESQUISA SOCIAL ! #$ % &' () ) *%"++, -. /. 0 1 2 3 ' %1 5 - % (0 6 7 0 8 9 % 8 ) 0 1 ' 8-9:;1 % 09: . '?/ %

Leia mais

BAGS LIFE BAGS FOR ENTREG

BAGS LIFE BAGS FOR ENTREG , N M DIF QU M 4 c liz v l Id v u c u Y BG LIF BG F bg v w 5 g.c y-b www. IM PDUZ LIZM PN M XP IMDI NG N MN P K Y BG BG IF F L IM PDUZ M IZ L N P M XP DI IM G N N N M P K G b v w 66 D Y BG D L L D LIF

Leia mais

Entidades autorizadas a exercer a atividade de transporte de doentes e respetivos veículos

Entidades autorizadas a exercer a atividade de transporte de doentes e respetivos veículos Tipo de entidade Rótulos de Linha 3101 Cruz Vermelha Portuguesa - Delegação De Aldreu 96-46-HD 37-36-XP 66-NX-49 75-IS-24 78-32-MM 3102 Cruz Vermelha Portuguesa - Delegação De Amares 25-98-LI 03-88-QU

Leia mais

Tratamento hidrófilo do permutador com produção e velocidade do ciclo de descongelamento melhorada.

Tratamento hidrófilo do permutador com produção e velocidade do ciclo de descongelamento melhorada. 05W APRESENTAÇÃO - CARATERÍSTICAS 04 SA CA/MCA SP/MSP MB/XB MC MD/XD XC Cbu -ã ã áu T hóf u uã g h M 2 gu áx ê u x -15 C A fu, u x u bx (DC-INVERTER -15ºC) Cfguã ub b z u u gé T G F ó uã é ã qu fã bóg

Leia mais

Página 1 de 13 ANO - IV - Nº CCCXXXIX SEGUNDA-FEIRA, 25 DE JANEIRO DE 2016. Em Subs. (Port.08/2016 PORTARIA Nº. 019/2016 PORTARIA 21/2015

Página 1 de 13 ANO - IV - Nº CCCXXXIX SEGUNDA-FEIRA, 25 DE JANEIRO DE 2016. Em Subs. (Port.08/2016 PORTARIA Nº. 019/2016 PORTARIA 21/2015 - V - º CCCXXXX GD-F, 25 J 2016 PT º. 019/2016 nocência,21 de janeiro de 2.016. Designa servidor para movimentação do adiantamento/suprimento de fundos T ÂGL GC D T, de nocência - M, no uso de suas atribuições

Leia mais

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE. Jorge Cândido. Detecção e Rastreio de Faces Utilizando Redes Bayesianas

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE. Jorge Cândido. Detecção e Rastreio de Faces Utilizando Redes Bayesianas UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Jorge Cândido Detecção e Rastreio de Faces Utilizando Redes Bayesianas São Paulo 2006 Livros Grátis http://www.livrosgratis.com.br Milhares de livros grátis para download.

Leia mais

D A N I F E R H I G I E N E I N D U S T R I A L, L d a

D A N I F E R H I G I E N E I N D U S T R I A L, L d a C A R T A D E A P R E S E N T A Ç Ã O E s p e c i a l i s t a s e m h i g i e n e D A N I F E R H I G I E N E I N D U S T R I A L, L d a 1 A D A N I F E R H I G I E N E I N D U S T R I A L, L d a. é u

Leia mais

AS MARCAS DO ABUSO SEXUAL

AS MARCAS DO ABUSO SEXUAL ESPECIAL 1 CRREI BRAZILIENSE AS MARCAS D ABUS SEXUAL MANUELA, 35 ANS: ABUSADA NA INFÂNCIA PELS NAMRADS DA MÃE MAIS SILENCIS DS CRIMES ACNTECE DENTR DE CASA, CNDENA AS VÍTIMAS A UMA DR SEM DESCANS, DESTRÓI

Leia mais

ç h s p BALÃO - D D CAI, CAI, BALÃO CAI, CAI, BALÃO CAI, CAI, BALÃO AQUI NA MINHA MÃO. NÃO CAI NÃO NÃO CAI NÃO NÃO CAI NÃO CAI NA RUA DO SABÃO.

ç h s p BALÃO - D D CAI, CAI, BALÃO CAI, CAI, BALÃO CAI, CAI, BALÃO AQUI NA MINHA MÃO. NÃO CAI NÃO NÃO CAI NÃO NÃO CAI NÃO CAI NA RUA DO SABÃO. leã IR ÍL é t ei le, ni e liõe e eent tiie eüenii. le 1 e 2, liõe enle tl i e nnte, filitn eni lfet. ei le etã lt à itetiã fíli ilái, eitin, e nei, e fe lie itetiente n e e ln, fen inteenõe e eee e l ln

Leia mais

$ " ( % . &/0.1 (+ 2 / */ & 4*"53 7==78&9 +! :% 5 333A 3B4 3 >! % :3 (C!4"3 .?*9E=;F;#F=#<<F#"FE 3& &>! 4 3 C43 3%;3#%<=30.!

$  ( % . &/0.1 (+ 2 / */ & 4*53 7==78&9 +! :% 5 333A 3B4 3 >! % :3 (C!43 .?*9E=;F;#F=#<<F#FE 3& &>! 4 3 C43 3%;3#%<=30.! ! " $ " %!' ( % )*!+ %),-+. /0.1 (+ 2 / */ 2-3-2 4*"53 7==789 +! :% 5 333A 3B4 3 >! % :3 (C!4"3

Leia mais

QUINZENA. llorelli) Ella em fe la$ v. n.

QUINZENA. llorelli) Ella em fe la$ v. n. QUNZEN O MMO D E R O SS (VCOTE DE ORELL) ::g P q g E g g F" g Nã \ F f "q " E q "E?" H x g : "S ; g? " S í x& E f$ D g 3 f j U z! F : "P S Mg R :: " E f O NTU R LS MO O E g q E f ã ; q g y g ; q f çã ;

Leia mais

Programa Copa do Mundo 2014

Programa Copa do Mundo 2014 Programa Copa do Mundo 2014 Programa Copa do Mundo 2014 Gerente do Programa: Mario Queiroz Guimarães Neto Rede do Programa: Rede de Cidades Objetivo do Programa: Organizar com excelência os eventos FIFA

Leia mais

Display Torre Multilinhas

Display Torre Multilinhas Display Torre Multilinhas Gradual Tecnologia Ltda. Manual do Usuário Abril/ 2004 Índice CARACTERÍSTICAS DO APARELHO 3 APRESENTAÇÃO 4 INSTALAÇÃO 4 PROGRAMAÇÃO 5 CONTROLE DE DISPLAY 5 TABELA ASCII 7 TERMO

Leia mais

Visão Geral Métodos construtivos Métodos construtivos O Mercado Visão de Negócios Alguns números Principais diferenciais

Visão Geral Métodos construtivos Métodos construtivos O Mercado Visão de Negócios Alguns números Principais diferenciais Shw C TÓPICOS Vã Gl Mé cv Mé cv O Mc Vã Ngóc Alg ú Pcp fc Rl N vç Pc Q fz Vã Gl A ESTRUTURA ECOLÓGICA CONSTRUTORA, g c l é c cçã à v pcpçã q lz écc clógc. Sb p v é pf pívl v, p g cl c fã. N çã ppc c, c

Leia mais

23/09/2016 INTRODUÇÃO INTRODUÇÃO INTRODUÇÃO

23/09/2016 INTRODUÇÃO INTRODUÇÃO INTRODUÇÃO UNIVERSIDADE ESTADUAL AULISTA JÚLIO DE MESQUITA FILHO Fdd d Cê Aá Vá DEARTAMENTO DE ZOOTECNIA Gêo INTRODUÇÃO Gêo o d 140 é Fí o Cfdo 5 çõ. E- Hohy Bvvv Gyox E Roo Jkwz 1. vo 2 INTRODUÇÃO INTRODUÇÃO ú é

Leia mais

que Irmtios e ee todos os elementos oonstuuti- Castro Alves» para cadência nacional. Laboiatorio Nacional de Analy- sens accessorios.

que Irmtios e ee todos os elementos oonstuuti- Castro Alves» para cadência nacional. Laboiatorio Nacional de Analy- sens accessorios. - JBl-v-- Xw-% L T MÊÊÊlWV- k wêê---wm-- UUKNL D GNTUR NN XV Mll 0 BRL DD ÊBÊBB Mp-bfDR FRÍH00 MN LMD R JNR - URT-f ÊlR 6 BRL M 30000 l) 600 fz lçã l - q (v Uã b p çõ pç v vv 0 ppl 7 lh póx f h l7 7 b

Leia mais

ÍNDICE. 1. Introdução... 3 2. Metodologia... 4 3. Contexto e Caracterização Geral do Agrupamento de Escolas... 5. 4. Resultados Académicos...

ÍNDICE. 1. Introdução... 3 2. Metodologia... 4 3. Contexto e Caracterização Geral do Agrupamento de Escolas... 5. 4. Resultados Académicos... ÍNDICE 1. Introdução... 3 2. Metodologia... 4 3. Contexto e Caracterização Geral do Agrupamento de Escolas... 5 3.1 CONTEXTO FÍSICO E SOCIAL 3.2 DIMENSÃO E CONDIÇÕES FÍSICAS DO AGRUPAMENTO 3.3 CARACTERIZAÇÃO

Leia mais

INDICE EDITORIAL... 3

INDICE EDITORIAL... 3 INDICE EDITORIAL... 3 MATÉRIA DE CAPA... 3 Era Vargas em questão... 3 Eu Getúlio. Ele Getúlio. Nós Getúlios... 5 Entrevista com Eloísa Capovilla... 5 "A Era Vargas foi um período de profundas modificações

Leia mais

PESQUISA INVESTIMENTOS NA INDÚSTRIA Minas Gerais. Ano 6. Nº 1. Março 2016

PESQUISA INVESTIMENTOS NA INDÚSTRIA Minas Gerais. Ano 6. Nº 1. Março 2016 PESQUISA INVESTIMENTOS NA INDÚSTRIA Minas Gerais Ano 6. Nº 1. Março 2016 Recessão econômica impacta os investimentos O ano de 2015 foi marcado por incertezas econômicas e crise política que contribuíram

Leia mais

Gabinete da Reitora AFASTAMENTOS DETERMINAÇÃO DESIGNAÇÕES ALTERAÇÃO. ANO VII N. o 10 23 de Setembro de yyyy

Gabinete da Reitora AFASTAMENTOS DETERMINAÇÃO DESIGNAÇÕES ALTERAÇÃO. ANO VII N. o 10 23 de Setembro de yyyy ublicação ficial do Departamento dministração de essoal de Junho a de Julho/ Gabinete da eitora. o de etembro de yyyy concedeu aposentadoria a Õ D, na seguinte forma: onde se lê: amparada pelo D DD FD

Leia mais

Ò ÓÙÚ Ä Ö ØÙ Ó ØÖ Ù Ó È ÕÙ ÒÓ Ç ØÓ ÒÓ Ë Ø Ñ ËÓÐ Ö Ì ÔÖ ÒØ ÍÒ Ú Ö Ö Ð Î Ó ÓÑÓ Ô ÖØ Ü ¹ Ò Ó ÔÖÓ Ö Ñ È Ó ¹ Ö Ù Ó Ñ ÔÐ Ô Ö Ó Ø Ò Ó Ó Ø ØÙÐÓ Å Ø Ö Ë ÒØ º ÎÁ ÇË ÅÁÆ Ë Ê ÁË ¹ Ê ËÁÄ ¾¼¼ Ñ Ò ÔÓ Â Ò Ö Ñ Ò Ð ÄÙ ÒÒ

Leia mais

Palestra Budista. Os Quatro Tipos de Fé e Cinco Estágios

Palestra Budista. Os Quatro Tipos de Fé e Cinco Estágios Palestra Budista E s c r i t u r a d e N i t i r e n D a i b o s s a t s u : Os Quatro Tipos de Fé e Cinco Estágios - A Veracidade de uma Crença - S e c r e t á r i o G e r a l d o B u d i s m o P r i

Leia mais

A Baixela Germain ao serviço da Corte no Reinado de D. Maria I *

A Baixela Germain ao serviço da Corte no Reinado de D. Maria I * A Baixela Germain ao serviço da Corte no Reinado de D. Maria I *!!"# $ % &'( )*+,&' & - '%%) - ' -%&'. % / # $* % 0 123 4 / % 56 &' -5%7%&'5 % 8 5 % 9 - %,&') &' -'- : & ) %&*% ; < = >&()*+,&'?'- 4&@0;07

Leia mais

Quem falou foi Henrieta, toda arrumada com a camisa de goleira. E tinha mais um monte de gente: Alice, Cecília, Martinha, Edilene, Luciana, Valdete,

Quem falou foi Henrieta, toda arrumada com a camisa de goleira. E tinha mais um monte de gente: Alice, Cecília, Martinha, Edilene, Luciana, Valdete, Cpítul 3 N ã p! Abu! On já viu? Et qu é n! Cê minh mã? Qun mnin chgm p jg nqul ming, qu ncntm? Um gup mnin. D cmit, têni, clçã muit ipiçã. E g? Afinl, qum tinh ti qul ii mluc? D qun vcê gtm futl? pguntu

Leia mais

! " ! % #! $% & % '() *$! +, ) *$-.) +,) */ 0 *$+1).-+,) */2.+%3 4 5 ) ' & -))) 6 *$ 7 5 8*$

!  ! % #! $% & % '() *$! +, ) *$-.) +,) */ 0 *$+1).-+,) */2.+%3 4 5 ) ' & -))) 6 *$ 7 5 8*$ xfghdfgh!" # ! " $$! % #! $% & % '() *$! +, ) *$-.) +,) */ 0 *$+1).-+,) */2.+%3 4 5 ) ' & -))) 6 *$ 7 5 8*$ &! '! -! 95,()!! +)- *$ - :! ' ')!0 ') );!4 ' -! ',*$!7 < )) 6 +=!>? @ ) *$!)2 3 ) - :! -), "

Leia mais

AQUECEDORES & PRESSURIZADORES. AF114 Catalogo Aquecedores 2014 AB 400x200mm.indd 1 04/06/14 10:32

AQUECEDORES & PRESSURIZADORES. AF114 Catalogo Aquecedores 2014 AB 400x200mm.indd 1 04/06/14 10:32 QUEEDORES & PRESSURIZDORES 2014 F114 lg qud 2014 400x200.indd 1 04/06/14 10:32 Linh Águ Qun Obi. Mi fiin, i unávl. S unávl é uiliz u nui d f i inlign. É iiz uld, duzi dpdíi, g i i fiz. É i qu Linh Águ

Leia mais

¾ Ò Ñ Ó ÐÙ Ó ÓÑÔÐ Ñ ÒØ ËÙ Ø ÒØ Ó ÓÑÔÐ Ñ ÒØ Ø ÓÒ Ó Ù ÝÒ Ñ Ò ÖÓ ÝÒ Ñ Ð Ø ÃÐ Ù Ï ÐØÒ Ö Å ÖØ Ò ÁÒ ÐÑ Ò¹ËÙÒ Ö ÒØÓÒ Ó Ë Ö Ó Ô Ö Ó È ÙÐÓ Å Ö Ò ÁÒ Ø ØÙØÓ Í ÊÙ Ø ÒÓ ÅÓÙÖ ½¾ ¹ Ö Ó ÑÔÙ ÍÒ Ú Ö Ø Ö Ó ÇÒ Ò È ¼º¾½¼¹

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE UM MONITOR MULTIPARAMÉTRICO PARA AFERIÇÃO DE SINAIS BIOLÓGICOS

DESENVOLVIMENTO DE UM MONITOR MULTIPARAMÉTRICO PARA AFERIÇÃO DE SINAIS BIOLÓGICOS DNVOLVMNTO D UM MONTOR MULTPARAMÉTRCO PARA AFRÇÃO D NA OLÓGCO Guv*, MMO lv*, RGQ lv*, RL Fl* * Uv Fl Ublâ, Ublâ, l -l: l_@tl. Ru: O bjtv tbl vlvt u t ultt z t xb çã, ulçã, ttu GR (Rt Glvâ Pl) u u. N jt

Leia mais

Eng. Castro Ferreira, Director do Departamento de Obras Municipais; que preside ao concurso;

Eng. Castro Ferreira, Director do Departamento de Obras Municipais; que preside ao concurso; RELATÓRIO FINAL DA ANÁLISE DAS PROPOSTAS P r o c e d i m e n t o a d o p t a d o : C o n c u r s o P ú b l i c ional o I n artigo t e r n a 2 c 2 6 º do DL 1 8 / 2 0 0 8 de 2 9 de Janeiro A n á l i s e

Leia mais

Universidade. Você na

Universidade. Você na Jl Gâ zb 2015 N. 1 Vcê Uv Alé fl M 50% públc v E Mé c f v cl. Fl cçõ fc p fl é p chg à v. Pc l b q lé f pf v l cíc ccí pp p v. 2 Vcê Uv EXPEDIENTE Jl Vcê Uv Rçã Gclly D Eçã Gclly D Fgf Gclly D T f Gclly

Leia mais

! " # $% & & ' ( & & ) * + ) & % % ',

!  # $% & & ' ( & & ) * + ) & % % ', 1! " # $ & & ' ( & & ) * + ) & ', 2 1 -. - & / 0 1 2& 3 - ' 45 - & & " 27 8 9*:27 ;2 ?@ 5A3451 Com as alterações introduzidas pelo art.º 34º da Lei OE/2009, pelo art.º 34º da Lei OE/2011 e pelo

Leia mais

PROJETOHORTAEMCASA. Manualdo. Apoio. Realização CDHU PREFEITUR A DE SÃO PAULO VERDE E MEIO AMBIENTE. Instituto GEA

PROJETOHORTAEMCASA. Manualdo. Apoio. Realização CDHU PREFEITUR A DE SÃO PAULO VERDE E MEIO AMBIENTE. Instituto GEA M RJETHRTAEMCAA CM LANTAR E CLHER ALIMENT EM CAA 201 A Rzçã Ch Dvv Hb Ub CDHU I GEA é b REFEITUR A DE Ã AUL VERDE E MEI AMBIENTE FhTé Ebçã Tx Agô Jé Lz Ch T Nh Rh Rvã A M Dg Lz Egá j Nh Rh Rq L R Rf Tv

Leia mais

REGULAMENTO DAS PROVAS OFICIAIS FEDERATIVAS

REGULAMENTO DAS PROVAS OFICIAIS FEDERATIVAS REGULAMENTO DAS PROVAS OFICIAIS FEDERATIVAS ÉPOCA 2013-2014 FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE BASQUETEBOL !"#! $%&"% '! % ( )* % +, -- )*!"% % -. /0 1% 2 333-4 /0 1% 2 % -5 )*!"% 6 %%7-8 9 : 9 97 2 % ' )*!"% *9.

Leia mais

Messinki PUSERRUSLIITIN EM 10 MM PUSERRUSLIITIN EM 12 MM PUSERRUSLIITIN EM 15 MM PUSERRUSLIITIN EM 18 MM PUSERRUSLIITIN EM 22 MM

Messinki PUSERRUSLIITIN EM 10 MM PUSERRUSLIITIN EM 12 MM PUSERRUSLIITIN EM 15 MM PUSERRUSLIITIN EM 18 MM PUSERRUSLIITIN EM 22 MM Messinki Tuote LVI-numero Pikakoodi PUSERRUSLIITIN EM 1551002 XV87 PUSERRUSLIITIN EM PUSERRUSLIITIN EM PUSERRUSLIITIN EM PUSERRUSLIITIN EM PUSERRUSLIITIN EM PUSERRUSLIITIN EM PUSERRUSLIITIN EM 35 MM 10X

Leia mais

! "#$%&'$ "(! $%)*!$! )+"( &,%)+$# )-$ %))$!%).* (/0.* "$01%(2

! #$%&'$ (! $%)*!$! )+( &,%)+$# )-$ %))$!%).* (/0.* $01%(2 ! "#$%&'$ "(! $%)*!$! )+"( &,%)+$# )-$ %))$!%).* (/0.* "$01%(2 #($)-$-$(1%)$-%) %)%!%$*$#!$%+ 3!%34( "#%)%-! $#$.# +!%5)6#!* &'$%+ 3!%34(! )$( $- (!% 3!%34(! *-! &'$)7 (!$#*82 $!%9-%#$:+ $!%;

Leia mais

Colégio Liceal de Santa Maria de Lamas

Colégio Liceal de Santa Maria de Lamas olégio Liceal de anta aria de Lamas écnico de esign - esign de nteriores e xteriores - 2016/2019 elação de urma urma: 1(10) _16 º H º rocesso 1 BZ H LV 14 X X X X X X X X X X X X 20085 2 L 15 X X X X X

Leia mais

O PDF visível no ecrã do seu computador ou leitor electrónico, contém uma obra de ficção. As personagens e os seus nomes, bem como os nomes de

O PDF visível no ecrã do seu computador ou leitor electrónico, contém uma obra de ficção. As personagens e os seus nomes, bem como os nomes de O PDF visível no ecrã do seu computador ou leitor electrónico, contém uma obra de ficção. As personagens e os seus nomes, bem como os nomes de lugares e os acontecimentos aí relatados são produto da imaginação

Leia mais

A RESPONSABILIDADE CIVIL AMBIENTAL DECORRENTE DA OBSOLESCÊNCIA PROGRAMADA ENVIRONMENTAL CIVIL LIABILITY ARISING FROM PROGRAMMED OBSOLESCENCE

A RESPONSABILIDADE CIVIL AMBIENTAL DECORRENTE DA OBSOLESCÊNCIA PROGRAMADA ENVIRONMENTAL CIVIL LIABILITY ARISING FROM PROGRAMMED OBSOLESCENCE A RESPONSABILIDADE CIVIL AMBIENTAL DECORRENTE DA OBSOLESCÊNCIA PROGRAMADA ENVIRONMENTAL CIVIL LIABILITY ARISING FROM PROGRAMMED OBSOLESCENCE Gbll C V* El N Rz** P Fh pó: 12 2017 Fh pó: 6 fb 2017 RESUMEN

Leia mais

&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&'

&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&' ! " #$$# ! " #$$# %! ' () #' (( * + ), (# -. / 0# () -. 1 234 3 5 3 0' (0 -. 1 1 6$ (7-. 1 - - 6,!" # 8( #( - 1 80 ## -!+ 8, #) -. ') #0 -. 1 ', #0( -. '' #0# - ($$ #0) - ($# $!"% ($, )(-! 9 (#$ )#- %

Leia mais

ViSA. 001 - Banco do Brasil FORMATO PADRÃO. Conta corrente Até 8 algarismos + 1 dígito - - Ê ' - O Û NOME COMPLETO VÁLIDO ATÉ. i. V ò - ' 0.

ViSA. 001 - Banco do Brasil FORMATO PADRÃO. Conta corrente Até 8 algarismos + 1 dígito - - Ê ' - O Û NOME COMPLETO VÁLIDO ATÉ. i. V ò - ' 0. Bancos 001 - Banco do Brasil 033 - Santander 356 - Real 041 - Banrisul 104 - Caixa Econômica Federal 237 - Bradesco 341 - Itaú 399 - HSBC 745 - Citibank 001 - Banco do Brasil Até 8 algarismos + 1 dígito

Leia mais

Entidades autorizadas a exercer a atividade de transporte de doentes e respetivos veículos

Entidades autorizadas a exercer a atividade de transporte de doentes e respetivos veículos Tipo de entidade Rótulos de Linha 101 Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Aveiro - Velhos 51-81-LG 66-32-UG 73-NF-90 21-70-SQ 40-32-SU 76-IG-48 60-OV-17 01-HI-83 05-30-UR 09-79-LV 09-AO-94

Leia mais

Laboratório de Ensino e Aprendizagem em Matemática: As Razoes de Sua Necessidade.

Laboratório de Ensino e Aprendizagem em Matemática: As Razoes de Sua Necessidade. ANA MARIA NAUIACK DE OLIVEIRA Laboratório de Ensino e Aprendizagem em Matemática: As Razoes de Sua Necessidade. Dissertação de Mestrado apresentada como requisito parcial para obtenção do grau de mestre,

Leia mais

Ministério da Cultura Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional Departamento de Planejamento e Administração Coordenação-Geral de

Ministério da Cultura Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional Departamento de Planejamento e Administração Coordenação-Geral de Ministério da Cultura Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional Departamento de Planejamento e Administração Coordenação-Geral de Tecnologia da Informação!" !" $%& '( ) %) * +, - +./0/1/+10,++$.(2

Leia mais

!"#"$%& '( &)*$+,-& '( +!,& ".!(,()/"'& "& (."!/"0()/& '( (&1!"23" '& ()/!& '( 34)*3", +0")",( "/+!"3,'" )35(!,3'"'( ('(!"$ '&,.6!

!#$%& '( &)*$+,-& '( +!,& .!(,()/'& & (.!/0()/& '( (&1!23 '& ()/!& '( 34)*3, +0),( /+!3,' )35(!,3''( ('(!$ '&,.6! !"#"$%& '( &)*$+,-& '( +!,& ".!(,()/"'& "& (."!/"0()/& '( (&1!"23" '& ()/!& '( 34)*3", +0")",( "/+!"3,'" )35(!,3'"'( ('(!"$ '&,.6!3/& ")/& *&0&!(7+3,3/&."!*3"$."!" " &#/()8-& '& 1!"+ '( "*%"!($ (0 (&1!"23"!3()/"'&!!$9+'3&+3:;")&/($$3

Leia mais

PRODUTOS AUTOMOTIVOS PLUS

PRODUTOS AUTOMOTIVOS PLUS Á,! Óleo lubrificante, desengripante,desoxidante e antiferrugem V 3 V ua ugusto orreia, 100 - d. ruzeiro ão aulo - - 04803-160 tendimento ao liente (11) 5667 8207 0800 774 9499 -mail: onyx@onyxautomotivo.com.br

Leia mais

Rita Alexandra Manso Araújo. As relações negociais entre jornalistas e fontes: o caso da Saúde. Universidade do Minho Instituto de Ciências Sociais

Rita Alexandra Manso Araújo. As relações negociais entre jornalistas e fontes: o caso da Saúde. Universidade do Minho Instituto de Ciências Sociais Rita Alexandra Manso Araújo As relações negociais entre jornalistas e fontes: o caso da Saúde UMinho 2012 Rita Alexandra Manso Araújo As relações negociais entre jornalistas e fontes: o caso da Saúde Universidade

Leia mais

NCE/14/00221 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos

NCE/14/00221 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/14/00221 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/14/00221 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da

Leia mais

O Núcleo de Estudos da Terceira Idade (NETI) e os Grupos de Crescimento Pessoal: Metodologia que Deu Certo

O Núcleo de Estudos da Terceira Idade (NETI) e os Grupos de Crescimento Pessoal: Metodologia que Deu Certo 2º B B z 12 1 2004 O ú () : q Á Sú R O /S j,,,. Oj:, -, z q f h. :,,, f,, j.,,, í f, j. j, hz- ; hí, -., h z h,,,,,. :, fh- q, ; h,,, z,. üw,, í, h () J By, Bh,. S - S -h: ; ;. j O ú -, -R -R S -S, 1982

Leia mais

FACULDADES UNIFICADAS DA. Curso de Direito Escritório de Assistência Jurídica Registro OAB 6614 DA F UNDAÇ Ã O EDUCACIONAL DE B ARRETOS

FACULDADES UNIFICADAS DA. Curso de Direito Escritório de Assistência Jurídica Registro OAB 6614 DA F UNDAÇ Ã O EDUCACIONAL DE B ARRETOS FACULDADES UNIFICADAS DA FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE BARRETOS Curso de Direito Escritório de Assistência Jurídica Registro OAB 6614 REGULAMENTO DO NÚ CLEO DE PRÁ TICA JURÍ DICA DA F UNDAÇ Ã O EDUCACIONAL DE

Leia mais

TRT-00290-2014-079-03-00-7 RO

TRT-00290-2014-079-03-00-7 RO Primeira Turma Publicacao: 14/11/2014 Ass. Digital em 11/11/2014 por CLEBER LUCIO DE ALMEIDA Relator: CLA Revisor: LOLR PODER JUDICIÁRIO R e c o r r e n t e : A L I S S O N C A R V A L H O B O R G E S

Leia mais

Å ÒÙ Ö ØÓ ËÙ Ñ Ø Ó Ê Ú Ø ÁÒ ÓÖÑ Ø Ì ÓÖ ÔÐ ¾¼ ÒÓÚ Ñ ÖÓ ¾¼¼¼ Ê ÙÔ Ö Ó Ò ÓÖÑ Ó Ú Ù Ð ÓÑ ÒÓ ÓÒØ Ù Ó Ñ Ñ Ò Ú Ó Ø ÖÒ Ð Ó Ð ÙÕÙ ÖÕÙ Ö Ù Ó Ë ÐÚ Ó Â Ñ Ð ÖÞÓÐ Ù Ñ Ö Ê ÙÔ Ö Ó Ò ÓÖÑ Ó Ú Ù Ð ÓÑ ÒÓ ÓÒØ Ù Ó Ñ Ñ Ò Ú Ó

Leia mais