Clipping CARF Matérias dos jornais que mencionam o CARF

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Clipping CARF Matérias dos jornais que mencionam o CARF"

Transcrição

1 O Estado de S.Paulo Clipping CARF Matérias dos jornais que mencionam o CARF Nardes, do TCU, é citado na Zelotes O Estado de S. Paulo - 10/09/2015 Investigadores analisam informações sobre suposto envolvimento do ministro no esquema do Carf; Nardes nega qualquer relação Fábio Fabrini - Andreza Matais Investigadores da Operação Zelotes detectaram indícios de envolvimento do ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) Augusto Nardes no esquema de corrupção e tráfico de influência no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf), espécie de "tribunal" que avalia débitos de grandes contribuintes com a Receita Federal. Parte do inquérito, com referências ao ministro, foi remetida à Procuradoria-Geral da República (PGR), que avaliará se cabe um pedido de investigação perante o Supremo Tribunal Federal (STF). Como integrante da conte de contas, Nardes tem prerrogativa de foro. O ministro é o relator de processo no TCU que avalia as contas do governo federal em Ele tem dado indicações de que cabe parecer pela rejeição do balanço da União. A oposição e setores rebelados da base aliada apostam num parecer adverso ao Planalto para iniciar um processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff no Congresso. Um ofício sobre o suposto envolvimento de Nardes no caso foi remetido ontem pelo Ministério Público Federal em Brasília à equipe do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, recém-reconduzido ao cargo pela presidente Dilma. A PGR não se pronunciou a respeito. Ao Estado, quatro pessoas com acesso às investigações confirmaram que citações ao ministro foram encontradas em documentos apreendidos na Zelotes. Na semana passada, na segunda fase da operação, a Polícia Federal realizou buscas em nove empresas, três delas em Santo Ângelo, cidade de origem de Nardes e sua antiga base eleitoral. Ex-deputado federal pelo PP, ele se desligou do partido para ocupar uma cadeira no TCU em nome dele foi aprovado pela Câmara com apoio do ex-líder da legenda José Janene, morto em Os investigadores teriam chegado a Nardes ao seguir o dinheiro recebido por um escritório do advogado José Ricardo da Silva, que prestava serviços de consultoria a empresas suspeitas de pagar suborno a conselheiros do Carf. Recursos dessa consultoria teriam sido transferidos a uma firma que teve o ministro como sócio. Caberá à PGR, em caso de investigação perante o Supremo, esclarecer em quais circunstâncias, e por qual motivo, o pagamento foi feito. Detalhes do caso correm em segredo de Justiça. Nardes negou qualquer envolvimento no caso investigado na Operação Zelotes. Ele explicou que foi sócio da Planalto Soluções e Negócios com o seu sobrinho, o advogado Carlos Juliano Ribeiro Nardes, mas se desligou formalmente da empresa em maio de 2005, alguns meses antes de tomar posse no TCU. Depois disso, afirmou, não teve mais relação com a firma e, por isso, não pode responder por ela. Nardes e o sobrinho informaram que as atividades da empresa, voltada à prestação de serviços na área agrícola, já foram encerradas. Nos registros da Receita Federal, disponíveis na internet, ela constava formalmente ontem como ativa e tinha Carlos Juliano como diretor. A Zelotes apura suspeitas de que, no Carf, o grupo de José Ricardo atuou para favorecer o PP e o Grupo RBS, do Rio Grande do Sul. Tanto a legenda quanto a empresa gaúcha negam participação em esquema para quebrar multas no órgão. A defesa de José Ricardo diz que não comenta as investigações. Pista Investigadores teriam chegado a Augusto Nardes seguindo o dinheiro recebido por um escritório do

2 advogado José Ricardo da Silva, que fazia consultoria a empresas suspeitas de pagar propina. Folha de S.Paulo Ministro do TCU é citado em apuração sobre fraudes Folha de S. Paulo - 10/09/2015 PF INVESTIGA COMPRA DE SENTENÇAS EM ÓRGÃO VINCULADO À FAZENDA Augusto Nardes, relator de processo sobre as contas da presidente Dilma Rousseff, nega irregularidades DE BRASÍLIA O nome do ministro do TCU (Tribunal de Contas da União) Augusto Nardes aparece em uma investigação da Polícia Federal sobre compra de sentenças do Carf (Conselho Administrativo de Recursos Fiscais). Como integrante do TCU, Nardes só pode ser alvo de inquérito no STF (Supremo Tribunal Federal). O ministro é o relator do processo das contas de 2014 da presidente Dilma Rousseff ação que inclui as chamadas pedaladas fiscais e outras irregularidades apontadas pelo tribunal. O TCU deve votar o balanço de Dilma em outubro, mas a palavra final sobre a aprovação cabe ao Congresso. O nome do ministro surgiu durante os trabalhos da Operação Zelotes, que apura um esquema de pagamento de propina a integrantes do Carf, órgão vinculado ao Ministério da Fazenda. A PF não informou, porém, quais os detalhes que ligam Nardes ao esquema. Em troca do suborno, os membros do colegiado do Carf votavam em favor da redução ou até do perdão das dívidas das empresas que os corrompiam. Em alguns casos, escritórios de advocacia ou de contabilidade atuavam na cooptação de clientes para o esquema. Na prática, esses escritórios faziam a negociação entre integrantes do Carf e representantes de empresas com processos pendentes no Conselho. A informação foi publicada pela site da revista "Carta Capital" e confirmada pela Folha nesta quarta (9). OUTRO LADO Nardes disse à Folha que não tem qualquer relação com as irregularidades encontradas no Carf e que nunca atuou em favor dos interesses de escritórios e empresas investigadas. O ministro afirmou ainda que foi sócio de um escritório de contabilidade, mas que se desvinculou da função há mais de dez anos, em junho de "Esse escritório ficou no nome do meu sobrinho. Não foi alvo de busca nenhuma e, pelo que ele me disse, não tem nada de irregular", afirmou o ministro. Nardes disse, porém, que não tem como se responsabilizar por nada relacionado à empresa no período em que ele não era mais sócio. "Não tenho nenhuma informação de que serei investigado, estou totalmente tranquilo", disse Nardes. Veja On Line

3 Augusto Nardes, ministro do TCU, é citado na Zelotes 10/09/2015 Investigadores analisam informações sobre suspeita de envolvimento do relator das contas de Dilma no esquema de corrupção do Carf. Nardes nega a acusação Da redação Investigadores da Operação Zelotes detectaram indícios de envolvimento do ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) Augusto Nardes no esquema de corrupção de tráfico de influência no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf), espécie de tribunal que avalia débitos de grandes contribuintes com a Receita Federal. De acordo com reportagem do jornal O Estado de S. Paulo, parte do inquérito, com referências ao ministro, foi remetida à Procuradoria-Geral da República, que avaliará se cabe um pedido de investigação perante o Supremo Tribunal Federal (STF). Como integrante da corte de contas, Nardes tem prerrogativa de foro. O ministro é o relator de processo no TCU que avalia as contas do governo federal em Ele tem dado indicações de que cabe parecer pela rejeição do balanço da União. A oposição e setores rebelados da base aliada apostam num parecer adverso ao Planalto para iniciar um processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff no Congresso. Um ofício sobre o suposto envolvimento de Nardes no caso foi remetido nesta quarta-feira pelo Ministério Público Federal em Brasília à equipe do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, recém-reconduzido ao cargo pela presidente Dilma. A PGR não se pronunciou a respeito. Na semana passada, na segunda fase da operação, a Polícia Federal realizou buscas em nove empresas, três delas em Santo Ângelo, cidade de origem de Nardes e sua antiga base eleitoral. Os investigadores teriam chegado a Nardes ao seguir o dinheiro recebido por um escritório do advogado José Ricardo da Silva, que prestava serviços de consultoria a empresas suspeitas de pagar suborno a conselheiros do Carf. Recursos dessa consultoria teriam sido transferidos a uma firma que teve o ministro como sócio. Caberá à PGR, em caso de investigação perante o Supremo, esclarecer em quais circunstâncias, e por qual motivo, o pagamento foi feito. Detalhes do caso correm em segredo de Justiça. Ministro nega - Nardes negou qualquer envolvimento no caso. Ele explicou que foi sócio da Planalto Soluções e Negócios com o seu sobrinho, o advogado Carlos Juliano Ribeiro Nardes, mas se desligou formalmente da empresa em maio de 2005, alguns meses antes de tomar posse no TCU. Depois disso, Nardes afirmou que não teve mais relação com a firma e, por isso, não pode responder por ela. A defesa de José Ricardo não comenta as investigações. Ex-deputado federal pelo PP, Nardes se desligou do partido para ocupar uma cadeira no TCU em O nome dele foi aprovado pela Câmara com apoio do ex-líder da legenda José Janene, morto em Agência Senado CPI do Carf deverá ser prorrogada por mais 120 dias, informa Ataídes 10/09/2015 Sergio Vieira Em entrevista coletiva concedida na manhã desta quinta-feira (10), o presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Carf, Ataídes Oliveira (PSDB-TO), confirmou que o presidente do Senado, Renan Calheiros, autorizou a prorrogação dos trabalhos da comissão por mais 120 dias. O novo prazo passa a contar a partir de 16 de setembro. Estava prevista para esta quinta-feira a votação de sete requerimentos. A reunião da CPI, no entanto, foi adiada por falta de quórum. Constam dos requerimentos de convocação os nomes da ex-ministra da Casa Civil Erenice Guerra, do ex-governador do Ceará e ex-ministro da Educação Cid Gomes e do ex-ministro de Minas e Energia Silas Rondeau. Questionado se a inclusão desses nomes com vinculação política direta poderia provocar o esvaziamento das investigações, Ataídes admitiu que tudo é possível uma vez que a CPI é uma instância do Congresso Nacional. Ele observou, contudo, que até aqui a comissão tem caminhado bem. Disse ainda

4 que o mais importante é fechar a torneira da corrupção no Carf com a aprovação da proposta de emenda à Constituição (PEC) incluída entre os itens em análise na Agenda Brasil. A PEC do Carf (PEC 112/2015) objetiva uma ampla reformulação no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais. A principal inovação inserida no texto refere-se à forma de nomeação dos conselheiros. Para ser um integrante do órgão, o pretendente terá que ser aprovado em concurso público e possuir, pelo menos, cinco anos de atividade jurídica comprovada na área tributária. Na próxima quarta-feira (16), a CPI deverá ouvir a advogada Meigan Sack, ex-conselheira do Carf e também alvo das investigações. Ataídes espera aprovar na mesma reunião os requerimentos não votados nesta quinta-feira. Correio do Povo - RS Zelotes: reunião no RS vai detalhar fraude Operação do MPF rastreia esquema de corrupção que chegaria a R$ 19 bi A Operação Zelotes, que investiga fraudes no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf) da Receita Federal, será discutida na próxima semana em uma audiência pública no Rio Grande do Sul. Promovida pela Frente Parlamentar em Defesa do Serviço Público da Assembleia Legislativa, a audiência acontecerá na segunda-feira, no Plenari-nho da Casa. Durante os debates serão detalhados dados das investigações. A audiência em solo gaúcho acontecerá no momento em que são aguardadas as primeiras denúncias da operação. Na semana passada, em entrevista ao programa "Agora", da Rádio Guaíba, o procurador do Ministério Público Federal (MPF) Frederico Paiva, que está à frente das investigações, informou que seis empresas devem ser denunciadas ainda neste mês de setembro por crime de sonegação de impostos e corrupção no Carf. Nessa primeira leva, conforme o procurador, já deve constar uma empresa gaúcha. Entre os grupos gaúchos investigados na operação estão Gerdau, RBS, Mundial-Eberle e Marcopolo. Na semana passada, Polícia Federal, Ministério Público e Corregedoria do Ministério da Fazenda e da Receita Federal realizaram busca e apreensão de documentos no RS, em São Paulo e no Distrito Federal. Escritórios de contabilidade na cidade de Santo Ângelo estavam entre os locais onde ocorreram as buscas. A Zelotes, deflagrada pela Polícia Federal em março deste ano, investiga um dos maiores esquemas de sonegação fiscal já descobertos no Brasil. As investigações são sobre a atuação de quadrilhas junto ao Carf, revertendo ou anulando multas. O colegiado tem R$ 516 bilhões em processos para julgamento. Estão sendo analisados 74 julgamentos do conselho realizados entre 2005 e 2013, nos quais, R$ 19,6 bilhões teriam deixado de ser recolhidos aos cofres públicos. Segundo informou o procurador, dos 70 processos sob suspeita, em pelo menos 20 o MPF conseguirá comprovar de maneira sólida que houve atos ilícitos. Este volume representa cerca de R$ 6 bilhões. Diário Catarinense On Line Relator das contas de Dilma é citado em investigação de esquema no Carf, diz jornal MPF teria encontrado menções ao ministro gaúcho do TCU Augusto Nardes em documentos da Operação Zelotes O Ministério Público Federal em Brasília, que comanda a Operação Zelotes, apurou indícios do envolvimento do ministro gaúcho do Tribunal de Contas da União (TCU) Augusto Nardes no esquema de corrupção no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf), conforme noticiaram os jornais Estado de S.Paulo e Folha de S.Paulo. Por Nardes ter fórum privilegiado, trechos do inquérito foram remetidos para a Procuradoria-Geral da República (PGR), que pode pedir ao Supremo Tribunal Federal (STF) abertura de uma investigação. O nome de Nardes surge no momento em que o ministro se prepara para apresentar no TCU o relatório que avalia as contas do governo federal em se rejeitado, pode se transformar em uma das armas da oposição para a abertura de um processo de impeachment da presidente Dilma

5 Rousseff. Segundo o Estadão, na quarta-feira um ofício foi remetido pelo MPF ao procurador-geral da República, Rodrigo Janot. De acordo com pessoas ligadas à investigação, citações ao ministro teriam surgido em documentos apreendidos na Zelotes - na última semana a Polícia Federal realizou buscas em três empresas de Santo Ângelo, base política de Nardes. Conforme a investigação, uma empresa que teria Nardes como sócio teria recebido dinheiro de um dos envolvidos no pagamento de propina a conselheiros do Carf. Nardes negou ao Estadão qualquer envolvimento no caso investigado. Informou que, com o sobrinho - o advogado Carlos Juliano Ribeiro Nardes -, era sócio da empresa citada, da qual se desligou formalmente em 2005, antes de tomar posse no TCU, e não teve mais relações.

Clipping CARF Matérias de jornais, revistas, sites e blogs que mencionam o CARF

Clipping CARF Matérias de jornais, revistas, sites e blogs que mencionam o CARF O Estado de S.Paulo Clipping CARF Matérias de jornais, revistas, sites e blogs que mencionam o CARF PF apura 'acerto' de lobista com políticos O Estado de S. Paulo - E-mails apreendidos mencionam prestação

Leia mais

Clipping CARF Matérias dos jornais que mencionam o CARF

Clipping CARF Matérias dos jornais que mencionam o CARF Valor Econômico Clipping CARF Matérias dos jornais que mencionam o CARF PF inicia nova fase da investigação sobre fraudes no Carf Valor Econômico - 04/09/2015 Juliano Basile e Carolina Oms Após cinco meses

Leia mais

Clipping CARF Matérias dos jornais com denúncias no CARF

Clipping CARF Matérias dos jornais com denúncias no CARF Folha de S.Paulo Clipping CARF Matérias dos jornais com denúncias no CARF Coluna - Mercado Aberto Folha de S. Paulo - 15/09/2015 MARIA CRISTINA FRIAS Receita acelera aplicação de multa, dizem advogados

Leia mais

Filho de ex-braço direito de Dilma trabalhou no governo

Filho de ex-braço direito de Dilma trabalhou no governo 13/09/2010 Filho de ex-braço direito de Dilma trabalhou no governo Israel Guerra tinha cargo comissionado na Anac; irmão dela atuou na Infraero Acusado de atuar como lobista para intermediar interesses

Leia mais

Clipping CARF Matérias de jornais, sites e blogs que mencionam o CARF

Clipping CARF Matérias de jornais, sites e blogs que mencionam o CARF Clipping CARF Matérias de jornais, sites e blogs que mencionam o CARF Valor Econômico CPI do BNDES age contra Pimentel Valor Econômico - 09/10/2015 Bruno Peres e Raquel Ulhôa De Brasília A CPI do BNDES

Leia mais

Sindifisco Nacional - Delegacia Sindical de São Paulo Clipping de 13 de janeiro de 2010

Sindifisco Nacional - Delegacia Sindical de São Paulo Clipping de 13 de janeiro de 2010 Sindifisco Nacional - Delegacia Sindical de São Paulo Clipping de 13 de janeiro de 2010 Notícias na íntegra FOLHA DE S.PAULO STJ determina quebra de sigilos de Arruda Foram abertas informações bancárias

Leia mais

Nº /2015 ASJCRIM/SAJ/PGR Petição n. 5263 Relator : Ministro Teori Zavascki Nominados : ANTÔNIO PALOCCI

Nº /2015 ASJCRIM/SAJ/PGR Petição n. 5263 Relator : Ministro Teori Zavascki Nominados : ANTÔNIO PALOCCI Nº /2015 ASJCRIM/SAJ/PGR Petição n. 5263 Relator : Ministro Teori Zavascki Nominados : ANTÔNIO PALOCCI PROCESSO PENAL. COLABORAÇÃO PREMIADA. EX- PRESSA VEDAÇÃO CONSTITUCIONAL (ART. 86, 4º, CF/88) PARA

Leia mais

MPF diz à Justiça que e-mail de lobista indicou envolvimento de políticos

MPF diz à Justiça que e-mail de lobista indicou envolvimento de políticos Clipping CARF Matérias de jornais, revistas, sites e blogs que mencionam o CARF O Globo Esquema investigado na Zelotes teve pagamento a parlamentares O Globo - 31/03/2016 MPF diz à Justiça que e-mail de

Leia mais

TOP ATUALIDADES SEMANA 29 A 04 DE ABRIL. Procuradoria denuncia dono do Grupo Safra por negociar propina

TOP ATUALIDADES SEMANA 29 A 04 DE ABRIL. Procuradoria denuncia dono do Grupo Safra por negociar propina TOP ATUALIDADES Procuradoria denuncia dono do Grupo Safra por negociar propina Campanha de Beto Richa (PSDB) é investigada por compra de madeira com propina Polícia prende ex-presidente da Assembleia de

Leia mais

A Semana no Congresso Nacional

A Semana no Congresso Nacional A Semana no Congresso Nacional Brasília, 10/08/2015 CÂMARA Câmara instalará seis comissões mistas para analisar MPs Relator da CPI do BNDES apresentará plano de trabalho Comissão de Finanças e Tributação

Leia mais

C L I P P I N G DATA: 01.04.2016

C L I P P I N G DATA: 01.04.2016 C L I P P I N G DATA: 01.04.2016 DESTAQUE Limites da terceirização por concessionárias de serviços públicos A lei de concessões e permissões de serviços públicos (8.987/95) permite, no artigo 25, 1º, que

Leia mais

PROCESSOS N.º 2467/2010 PROTOCOLO N.º 5.673.941-6 N.º 663/2011 N.º 5.673.978-5 PARECER CEE/CEB N.º 1054/11 APROVADO EM 06/12/11

PROCESSOS N.º 2467/2010 PROTOCOLO N.º 5.673.941-6 N.º 663/2011 N.º 5.673.978-5 PARECER CEE/CEB N.º 1054/11 APROVADO EM 06/12/11 PROCESSOS N.º 2467/2010 PROTOCOLO N.º 5.673.941-6 N.º 663/2011 N.º 5.673.978-5 PARECER CEE/CEB N.º 1054/11 APROVADO EM 06/12/11 CÂMARA DE EDUCAÇÃO BÁSICA INTERESSADOS: GUSTAVO R. MARTINS e GILBERTO JORGE

Leia mais

CPI LEGAL. Palavras-chave: Comissão Parlamentar de Inquérito. Decoro Parlamentar. Prevaricação.

CPI LEGAL. Palavras-chave: Comissão Parlamentar de Inquérito. Decoro Parlamentar. Prevaricação. 1 CPI LEGAL Wellington Moisés de Oliveira 1 RESUMO Este artigo tem por escopo questionar os reais deveres dos parlamentares no exercício de sua função típica de fiscalização da escorreita aplicação da

Leia mais

PROPOSTA DE FISCALIZAÇÃO E CONTROLE Nº 168, DE 2014.

PROPOSTA DE FISCALIZAÇÃO E CONTROLE Nº 168, DE 2014. PROPOSTA DE FISCALIZAÇÃO E CONTROLE Nº 168, DE 2014. Propõe que a Comissão de Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio, com o auxílio do Tribunal de Contas da União, fiscalizem as operações, negociações

Leia mais

Clipping CARF Matérias de jornais, sites e blogs que mencionam o CARF 05/12/2015 O Estado de S.Paulo

Clipping CARF Matérias de jornais, sites e blogs que mencionam o CARF 05/12/2015 O Estado de S.Paulo Clipping CARF Matérias de jornais, sites e blogs que mencionam o CARF 05/12/2015 O Estado de S.Paulo CPI do Carf cita grandes empresas O Estado de S. Paulo - 05/12/2015 Relatório final da comissão fala

Leia mais

COMISSÃO DE EDUCAÇÃO DE CULTURA REQUERIMENTO Nº, DE 2012. ( Do Sr. Izalci )

COMISSÃO DE EDUCAÇÃO DE CULTURA REQUERIMENTO Nº, DE 2012. ( Do Sr. Izalci ) COMISSÃO DE EDUCAÇÃO DE CULTURA REQUERIMENTO Nº, DE 2012. ( Do Sr. Izalci ) Requer que sejam convidados os Senhores: Amaro Henrique Pessoa Lins - Secretário de Educação Superior (SESU); Senhor Jorge Rodrigo

Leia mais

DEPARTAMENTO DE TAQUIGRAFIA, REVISÃO E REDAÇÃO NÚCLEO DE REDAÇÃO FINAL EM COMISSÕES TEXTO COM REDAÇÃO FINAL TRANSCRIÇÃO IPSIS VERBIS

DEPARTAMENTO DE TAQUIGRAFIA, REVISÃO E REDAÇÃO NÚCLEO DE REDAÇÃO FINAL EM COMISSÕES TEXTO COM REDAÇÃO FINAL TRANSCRIÇÃO IPSIS VERBIS CÂMARA DOS DEPUTADOS DEPARTAMENTO DE TAQUIGRAFIA, REVISÃO E REDAÇÃO NÚCLEO DE REDAÇÃO FINAL EM COMISSÕES TEXTO TRANSCRIÇÃO IPSIS VERBIS CPI - GRUPOS DE EXTERMÍNIO NO NORDESTE EVENTO: Reunião ordinária

Leia mais

Clipping CARF Matérias de jornais, revistas, sites e blogs que mencionam o CARF

Clipping CARF Matérias de jornais, revistas, sites e blogs que mencionam o CARF Clipping CARF Matérias de jornais, revistas, sites e blogs que mencionam o CARF Valor Econômico Conselho discute súmula sobre aplicação de multas Valor Econômico - 10/12/2015 Beatriz Olivon O Conselho

Leia mais

Diário do Nordeste Fortaleza, 08 de julho de 2015

Diário do Nordeste Fortaleza, 08 de julho de 2015 Diário do Nordeste Fortaleza, 08 de julho de 2015 Caderno: Política Coluna: Edilmar Norões Pág. 10 Refinaria: cobrando pelo "calote" Deputados federais e estaduais do Ceará continuam cobrando pelo "calote",

Leia mais

Histórico da Chacina de Unaí

Histórico da Chacina de Unaí Histórico da Chacina de Unaí Situação atual Os dois últimos recursos impetrados pelos acusados da Chacina de Unaí, que impediam o retorno do processo principal à Vara Federal de Belo Horizonte, foram julgados

Leia mais

stf.empauta.com 'Sessão secreta não é compatível com a Carta' NACIONAL ENTREVISTA

stf.empauta.com 'Sessão secreta não é compatível com a Carta' NACIONAL ENTREVISTA 'Sessão secreta não é compatível com a Carta' Lewandowski critica voto secreto no Congresso Para ministro do Supremo, "esse modo de pensar é incompatível com a Constituição" 'Sessão secreta não é compatível

Leia mais

Terça-feira, 17 de maio de 2016. DESTAQUES

Terça-feira, 17 de maio de 2016. DESTAQUES DESTAQUES Dólar cai e bolsa fica estável Meirelles confirma Ilan Goldfajn no comando do Banco Central Eletrobras contraria Jucá sobre impacto da Nyse nas dívidas Ações da Gerdau caem com indiciamento da

Leia mais

Requerimento de Informação nº, de 2014. (Do Sr. Alexandre Leite)

Requerimento de Informação nº, de 2014. (Do Sr. Alexandre Leite) Requerimento de Informação nº, de 2014. (Do Sr. Alexandre Leite) Solicita informações ao Excelentíssimo Ministro de Estado da Fazenda, Sr. Guido Mantega, a respeito de empréstimo bancário do Banco do Brasil,

Leia mais

G.9 QUESTÕES DE ORDEM E SOLICITAÇÕES DE PROVIDÊNCIAS

G.9 QUESTÕES DE ORDEM E SOLICITAÇÕES DE PROVIDÊNCIAS G.9 QUESTÕES DE ORDEM E SOLICITAÇÕES DE PROVIDÊNCIAS G.9.1) Da 2ª Sessão Legislativa Extraordinária da 51ª Legislatura Número Leitura Autor Assunto Resultado 1/2000 21.1.2000 Eduardo Suplicy Solicita exame

Leia mais

COMISSÃO DE VIAÇÂO E TRANSPORTE REQUERIMENTO Nº DE 2011 (Do Sr. Vanderlei Macris )

COMISSÃO DE VIAÇÂO E TRANSPORTE REQUERIMENTO Nº DE 2011 (Do Sr. Vanderlei Macris ) COMISSÃO DE VIAÇÂO E TRANSPORTE REQUERIMENTO Nº DE 2011 (Do Sr. Vanderlei Macris ) Solicita sejam convidados os senhores JORGE FRAXE, General do Exército e Diretor-Geral do Departamento Nacional de Infraestrutura

Leia mais

A responsabilidade do autor do procedimento fiscal

A responsabilidade do autor do procedimento fiscal III CONGRESSO BRASILEIRO DE DIREITO TRIBUTÁRIO ATUAL IBDT/AJUFE/FDUSP-DEF A responsabilidade do autor do procedimento fiscal Alexandre Naoki Nishioka Sócio de Wald e Associados Advogados. Professor Doutor

Leia mais

INDÚSTRIA NÃO PRECISA DISCRIMINAR IMPORTADO

INDÚSTRIA NÃO PRECISA DISCRIMINAR IMPORTADO Ano III Edição Nº 159 04/04/2013 INDÚSTRIA NÃO PRECISA DISCRIMINAR IMPORTADO Por Sérgio Ruck Bueno - de Porto Alegre A Justiça de Caxias do Sul (RS) concedeu liminar para uma "tradicional indústria" da

Leia mais

MANTEGA ANUNCIA REDUÇÃO DE ICMS INTERESTADUAL

MANTEGA ANUNCIA REDUÇÃO DE ICMS INTERESTADUAL MANTEGA ANUNCIA REDUÇÃO DE ICMS INTERESTADUAL A unificação das alíquotas do ICMS para acabar com a guerra fiscal será gradual e levará oito anos, anunciou nesta quarta-feira (7/11) o ministro da Fazenda,

Leia mais

Embate sobre rumos da apuração Correio Braziliense - 28/01/2016

Embate sobre rumos da apuração Correio Braziliense - 28/01/2016 Embate sobre rumos da apuração Correio Braziliense - Enquanto petistas criticam direcionamento das investigações da Lava-Jato, oposição avalia que fecha o "cerco" contra Lula A oposição vê a 22ª fase da

Leia mais

DIREITO CONSTITUCIONAL PODER LEGISLATIVO

DIREITO CONSTITUCIONAL PODER LEGISLATIVO DIREITO CONSTITUCIONAL PODER LEGISLATIVO Atualizado em 03/11/2015 PODER LEGISLATIVO No plano federal temos o Congresso Nacional composto por duas casas (Câmara dos Deputados e Senado Federal). No âmbito

Leia mais

CÂMARA DOS DEPUTADOS

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÂO DE FISCALIZAÇÂO FINANCEIRA E CONTROLE REQUERIMENTO Nº, DE 2011 (dos Srs. Vanderlei Macris e Duarte Nogueira) Senhor Presidente Requer que seja convocada a Sra. Ideli Salvatti, Secretária de Relações

Leia mais

C L I P P I N G DATA: 17.12.2015

C L I P P I N G DATA: 17.12.2015 C L I P P I N G DATA: 17.12.2015 DESTAQUE: SEAC/DF e SINDESP/DF ESTÃO DE CARA NOVA NA INTERNET É com prazer que nos apresentamos mais modernos, com uma aparência mais jovem, funções muito mais facilitadas

Leia mais

COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO

COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO REQUERIMENTO DE CONVITE Nº, DE 2011. (Do Sr. Efraim Filho) Convida os Srs. Marcelo Panella, ex-chefe de Gabinete do Ministério do Trabalho e Emprego, Anderson Alexandre dos Santos, ex-coordenador-geral

Leia mais

SINGEO/MG NOVO MARCO REGULATÓRIO DA MINERAÇÃO: IMPACTOS SOBRE INVESTIMENTOS JOÃO CÉSAR DE FREITAS PINHEIRO. GEÓLOGO, Ph.D

SINGEO/MG NOVO MARCO REGULATÓRIO DA MINERAÇÃO: IMPACTOS SOBRE INVESTIMENTOS JOÃO CÉSAR DE FREITAS PINHEIRO. GEÓLOGO, Ph.D SINGEO/MG NOVO MARCO REGULATÓRIO DA MINERAÇÃO: IMPACTOS SOBRE INVESTIMENTOS JOÃO CÉSAR DE FREITAS PINHEIRO GEÓLOGO, Ph.D Belo Horizonte Junho de 2013 GF Consultoria Características dos Investimentos Setor

Leia mais

Excelentíssima presidenta da república Sra. Dilma Rousseff:

Excelentíssima presidenta da república Sra. Dilma Rousseff: De: Mario Avelino [mailto:marioavelino@domesticalegal.org.br] Enviada em: quarta-feira, 27 de maio de 2015 11:53 Para: 'gabineteagenda@presidencia.gov.br' Assunto: Pedido de audiência pública com a presidenta

Leia mais

PONTO DOS CONCURSOS Orçamento nas Constiuições Federais

PONTO DOS CONCURSOS Orçamento nas Constiuições Federais Olá, concurseiro (a)! Tenho observado que algumas bancas cobram um conhecimento histórico do orçamento público nas constituições federais brasileiras. Para facilitar tua vida, organizei a linha do tempo

Leia mais

Nota Tributária do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais

Nota Tributária do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais Nota Tributária do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais informativo tributário específico Informativo nº 38 Ano IV Maio/2011 www.ssplaw.com.br faz o que gosta e acredita no que faz Prezados Leitores:

Leia mais

ESTADO DO RIO DE JANEIRO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA 1.ª CÂMARA CRIMINAL ACÓRDÃO

ESTADO DO RIO DE JANEIRO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA 1.ª CÂMARA CRIMINAL ACÓRDÃO APELAÇÃO. PENAL E PROCESSUAL PENAL. Apropriação indébita. Causa especial de aumento de pena. Sentença condenatória. Recurso defensivo que visa obter a des0classificação da conduta para a de estelionato

Leia mais

Dilma sanciona novo Código de Processo Civil

Dilma sanciona novo Código de Processo Civil ilma sanciona novo Código de Processo Civil - 16/03/2015 - Poder -... de 6 17/03/2015 10:03 Dilma sanciona novo Código de Processo Civil Pedro Ladeira/Folhapress A presidente Dilma Rousseff com o ex-presidente

Leia mais

Pedaladas hermenêuticas no pedido de impeachment de Dilma Rousseff

Pedaladas hermenêuticas no pedido de impeachment de Dilma Rousseff Pedaladas hermenêuticas no pedido de impeachment de Dilma Rousseff 4 de dezembro de 2015, 8h55 Por Ricardo Lodi Ribeiro Com o recebimento, pelo presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha, do pedido

Leia mais

Clipping FENTECT CORREIOS - BRASIL. Curso certo Correios adia provas objetivas para novembro. Diário de Minas Prova dos Correios sem data

Clipping FENTECT CORREIOS - BRASIL. Curso certo Correios adia provas objetivas para novembro. Diário de Minas Prova dos Correios sem data Página 1 CORREIOS - BRASIL Curso certo Correios adia provas objetivas para novembro De acordo com informações da assessoria de imprensa do órgão, o novo presidente, David José de Matos, se reunirá na próxima

Leia mais

O investimento vem a reboque

O investimento vem a reboque O investimento vem a reboque IstoÉ Dinheiro - São Paulo/SP - ECONOMIA - 07/06/2012-20:00:00 Luís Artur NOGUEIRA e Guilherme QUEIROZ O aumento do consumo é essencial para que os empresários voltem a investir,

Leia mais

SUPER SALÁRIOS DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO SENADO FEDERAL

SUPER SALÁRIOS DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO SENADO FEDERAL SUPER SALÁRIOS DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO SENADO FEDERAL EMENTA: SUPER SALÁRIOS DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO SENADO FEDERAL - INDEVIDA A RESTITUIÇÃO DAS VERBAS - VERBAS DE CARÁTER ALIMENTAR - PERCEBIDAS

Leia mais

AGUARDANDO HOMOLOGAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO

AGUARDANDO HOMOLOGAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO AGUARDANDO HOMOLOGAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO INTERESSADO: Robson Willian Albuquerque Vieira da Silva UF: RJ ASSUNTO: Recurso contra a decisão do Centro Universitário Augusto

Leia mais

Parecer pela denegação do mandado de segurança.

Parecer pela denegação do mandado de segurança. Ministério Público Federal Procuradoria-Geral da República 19756 OBF PGR Mandado de Segurança 31.068 3 - DF Relator: Ministro Luiz Fux Impetrante: Cláudio Topgian Rollemberg Impetrado: TCU Mandado de segurança.

Leia mais

Apresentação no Conselho da Justiça Federal

Apresentação no Conselho da Justiça Federal Apresentação no Conselho da Justiça Federal CUMPRIMENTOS E AGRADECIMENTOS SLIDE UM - INTRODUÇÃO O painel que eu vou apresentar para os senhores hoje faz parte da minha tese de doutorado em Ciências Jurídicas

Leia mais

ATUALIDADES. Top Atualidades Semanal DESTAQUE PROFESSOR MARCOS JOSÉ. Governo Dilma é o 1º a ter contas reprovadas. SEMANA DE 06 a 12 DE OUTUBRO

ATUALIDADES. Top Atualidades Semanal DESTAQUE PROFESSOR MARCOS JOSÉ. Governo Dilma é o 1º a ter contas reprovadas. SEMANA DE 06 a 12 DE OUTUBRO Governo Dilma é o 1º. a ter contas reprovadas no TCU desde Getúlio Obama pede desculpas por ataque a hospital Alckmin impõe sigilo e só vai expor falhas no metrô de SP após 25 anos ATUALIDADES PROFESSOR

Leia mais

COMISSÃO DE FISCALIZAÇÃO E CONTROLE. PROPOSTA DE FISCALIZAÇÃO E CONTROLE Nº 18, de 2007 RELATÓRIO FINAL

COMISSÃO DE FISCALIZAÇÃO E CONTROLE. PROPOSTA DE FISCALIZAÇÃO E CONTROLE Nº 18, de 2007 RELATÓRIO FINAL COMISSÃO DE FISCALIZAÇÃO E CONTROLE PROPOSTA DE FISCALIZAÇÃO E CONTROLE Nº 18, de 2007 RELATÓRIO FINAL 1 INTRODUÇÃO Propõe à Comissão de Fiscalização e Controle realizar ato de fiscalização e controle

Leia mais

renda fixa? seu dinheiro É hora de apostar na #92 Tudo indica que os juros deverão voltar a subir para controlar a inflação

renda fixa? seu dinheiro É hora de apostar na #92 Tudo indica que os juros deverão voltar a subir para controlar a inflação #92 É hora de apostar na renda fixa? Tudo indica que os juros deverão voltar a subir para controlar a inflação seu dinheiro a sua revista de finanças pessoais Para quê moeda? Brasileiros utilizam cada

Leia mais

CÂMARA DOS DEPUTADOS

CÂMARA DOS DEPUTADOS PROPOSTA DE FISCALIZAÇÃO E CONTROLE Nº 163, DE 2014 Propõe que a Comissão de Fiscalização Financeira e Controle, com o auxílio do Tribunal de Contas da União, da Controladoria Geral da União, da Receita

Leia mais

Lei anticorrupção não pega em empresas CLAUDIA ROLLI DE SÃO PAULO

Lei anticorrupção não pega em empresas CLAUDIA ROLLI DE SÃO PAULO Fonte: Folha de São Paullo Data: 15/12/2014 Seção: Mercado Versão: Impresso e Online Lei anticorrupção não pega em empresas CLAUDIA ROLLI DE SÃO PAULO Seis em cada dez empresas não estão preparadas para

Leia mais

O Simples é bom? *Bernardo Appy O Estado de São Paulo - Opinião

O Simples é bom? *Bernardo Appy O Estado de São Paulo - Opinião O Simples é bom? *Bernardo Appy O Estado de São Paulo - Opinião Nos últimos anos o alcance do Simples vem sendo ampliado de forma significativa, seja pela inclusão de novos setores, seja pela ampliação

Leia mais

Destaque do mês de Maio

Destaque do mês de Maio Destaque do mês de Maio - Nº 22 www.cnf.org.br STJ: transporte interno de mercadorias entre o estabelecimento produtor e o porto ou aeroporto alfandegado, ainda que posteriormente exportadas, não configura

Leia mais

Deloitte maquiou rombo no banco de Silvio Santos

Deloitte maquiou rombo no banco de Silvio Santos Deloitte maquiou rombo no banco de Silvio Santos A Deloitte mandou na última semana para o banco PanAmericano e para o Banco Central o balanço do terceiro trimestre da instituição financeira de Silvio

Leia mais

DEPARTAMENTO DE TAQUIGRAFIA, REVISÃO E REDAÇÃO NÚCLEO DE REDAÇÃO FINAL EM COMISSÕES TEXTO COM REDAÇÃO FINAL

DEPARTAMENTO DE TAQUIGRAFIA, REVISÃO E REDAÇÃO NÚCLEO DE REDAÇÃO FINAL EM COMISSÕES TEXTO COM REDAÇÃO FINAL CÂMARA DOS DEPUTADOS DEPARTAMENTO DE TAQUIGRAFIA, REVISÃO E REDAÇÃO NÚCLEO DE REDAÇÃO FINAL EM COMISSÕES TEXTO TRANSCRIÇÃO IPSIS VERBIS CPI - SIVAM EVENTO: Reunião Ordinária N : 0454/02 DATA: 21/05/02

Leia mais

DEPARTAMENTO DE TAQUIGRAFIA, REVISÃO E REDAÇÃO NÚCLEO DE REDAÇÃO FINAL EM COMISSÕES TEXTO COM REDAÇÃO FINAL. Versão para registro histórico

DEPARTAMENTO DE TAQUIGRAFIA, REVISÃO E REDAÇÃO NÚCLEO DE REDAÇÃO FINAL EM COMISSÕES TEXTO COM REDAÇÃO FINAL. Versão para registro histórico CÂMARA DOS DEPUTADOS DEPARTAMENTO DE TAQUIGRAFIA, REVISÃO E REDAÇÃO NÚCLEO DE REDAÇÃO FINAL EM COMISSÕES TEXTO COM REDAÇÃO FINAL Versão para registro histórico Não passível de alteração COMISSÃO DE FISCALIZAÇÃO

Leia mais

POLÍTICA DE DIVULGAÇÃO DE ATO OU FATO RELEVANTE DA RAÍZEN ENERGIA S.A.

POLÍTICA DE DIVULGAÇÃO DE ATO OU FATO RELEVANTE DA RAÍZEN ENERGIA S.A. POLÍTICA DE DIVULGAÇÃO DE ATO OU FATO RELEVANTE DA RAÍZEN ENERGIA S.A. 1. OBJETIVO 1.1. O objetivo da presente Política de Divulgação é estabelecer as regras e procedimentos a serem adotados pela Raízen

Leia mais

RESOLUÇÃO N 23.219 INSTRUÇÃO N 296-67.2010.6.00.0000 - CLASSE 19 - BRASÍLIA - DISTRITO FEDERAL.

RESOLUÇÃO N 23.219 INSTRUÇÃO N 296-67.2010.6.00.0000 - CLASSE 19 - BRASÍLIA - DISTRITO FEDERAL. TRIBUNAL SUPERIOR ELEITORAL RESOLUÇÃO N 23.219 INSTRUÇÃO N 296-67.2010.6.00.0000 - CLASSE 19 - BRASÍLIA - DISTRITO FEDERAL. Relator: Ministro Arnaldo Versiani. Interessado: Tribunal Superior Eleitoral.

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal PROGRESSÃO DE REGIME NA EXECUÇÃO PENAL 21 DISTRITO FEDERAL RELATOR POLO PAS ADV.(A/S) : MIN. ROBERTO BARROSO :PEDRO HENRY NETO :RICARDO GOMES DE ALMEIDA DECISÃO: I. A HIPÓTESE 1. Pedro Henry Neto foi condenado

Leia mais

REQUERIMENTO DE INFORMAÇÃO Nº, DE 2011 (Do Sr. Antonio Carlos Magalhães Neto)

REQUERIMENTO DE INFORMAÇÃO Nº, DE 2011 (Do Sr. Antonio Carlos Magalhães Neto) REQUERIMENTO DE INFORMAÇÃO Nº, DE 2011 (Do Sr. Antonio Carlos Magalhães Neto) Solicita informações ao Sr. Ministro de Estado do Esporte, Orlando Silva de Jesus Júnior, sobre o Programa Segundo Tempo e

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal Inteiro Teor do Acórdão - Página 92 de 215 18/06/2014 PLENÁRIO AÇÃO DIRETA DE INCONSTITUCIONALIDADE 4.947 DISTRITO FEDERAL DEBATE O SENHOR MINISTRO LUÍS ROBERTO BARROSO - Presidente, eu fiquei com uma

Leia mais

Carga tributária sobe mais forte em 2014

Carga tributária sobe mais forte em 2014 Carga tributária sobe mais forte em 2014 Com fim de desonerações para carros e linha branca, peso dos tributos ante o PIB deve crescer até 0,5 ponto percentual Após arrecadação recorde da Receita Federal

Leia mais

REQUERIMENTO DE INFORMAÇÃO N DE 2012 (Do Sr. Antonio Carlos Mendes Thame)

REQUERIMENTO DE INFORMAÇÃO N DE 2012 (Do Sr. Antonio Carlos Mendes Thame) REQUERIMENTO DE INFORMAÇÃO N DE 2012 (Do Sr. Antonio Carlos Mendes Thame) Requer ao Ministro da Educação, Senhor Aloizio Mercadante Oliva, cópia do inteiro teor do processo de autorização de funcionamento

Leia mais

Direito Constitucional Dra. Vânia Hack de Ameida

Direito Constitucional Dra. Vânia Hack de Ameida 1 Controle da Constitucionalidade 1. Sobre o sistema brasileiro de controle de constitucionalidade, é correto afirmar que: a) compete a qualquer juiz ou tribunal, no primeiro caso desde que inexista pronunciamento

Leia mais

Lista suja do trabalho escravo no Brasil - Renovação da regulamentação trabalhista

Lista suja do trabalho escravo no Brasil - Renovação da regulamentação trabalhista Lista suja do trabalho escravo no Brasil - Renovação da regulamentação trabalhista Marcello Della Mônica Silva e Cássio Ramos Báfero A "nova" portaria da lista suja, ao que se verifica, sustenta-se em

Leia mais

ARTIGO - A AÇÃO REVISIONAL DE CONTRATOS NO DIREITO BRASILEIRO

ARTIGO - A AÇÃO REVISIONAL DE CONTRATOS NO DIREITO BRASILEIRO ARTIGO - A AÇÃO REVISIONAL DE CONTRATOS NO DIREITO BRASILEIRO *Maraísa Santana No mês passado (abril/2014) escrevi artigo (AÇÃO REVISIONAL DE FINANCIAMENTO DE VEÍCULOS É GARANTIDA POR LEI), que foi publicado

Leia mais

Conselho Nacional de Justiça

Conselho Nacional de Justiça Conselho Nacional de Justiça Autos: PEDIDO DE PROVIDÊNCIAS - 0006845-87.2014.2.00.0000 Requerente: ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS BRASILEIROS - AMB Requerido: CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA - CNJ Ementa: PEDIDO

Leia mais

Processo no. 200.2010.036.179-5/001

Processo no. 200.2010.036.179-5/001 ESTADO DA PARAÍBA PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA Gabinete do Desembargador Marcos Cavalcanti de Albuquerque DECISÃO MONOCRÁTICA TERMINATIVA Remessa "Oficial em Mandado de Segurança - no. 200.2010.036.179-5/001

Leia mais

Consultoria de Orçamento e Fiscalização Financeira

Consultoria de Orçamento e Fiscalização Financeira Consultoria de Orçamento e Fiscalização Financeira Nota Técnico n.º 08/07 Relações das obras com indícios de irregularidades graves constantes nos anexos às leis orçamentárias para os exercícios de 2002

Leia mais

A perspectiva de reforma política no Governo Dilma Rousseff

A perspectiva de reforma política no Governo Dilma Rousseff A perspectiva de reforma política no Governo Dilma Rousseff Homero de Oliveira Costa Revista Jurídica Consulex, Ano XV n. 335, 01/Janeiro/2011 Brasília DF A reforma política, entendida como o conjunto

Leia mais

Posicionamento do CARF diante dos planejamentos tributários. Dr. João Carlos de Lima Junior Lima Junior, Domene e Advogados Associados

Posicionamento do CARF diante dos planejamentos tributários. Dr. João Carlos de Lima Junior Lima Junior, Domene e Advogados Associados Posicionamento do CARF diante dos planejamentos tributários Dr. João Carlos de Lima Junior Lima Junior, Domene e Advogados Associados 1. PLANEJAMENTO TRIBUTÁRIO 2. Liberdade de organização da vida empresarial

Leia mais

Viva, viva viva!!! Comentários anônimos Revista Veja

Viva, viva viva!!! Comentários anônimos Revista Veja Comentários anônimos Revista Veja Viva, viva viva!!! Espero que essa CPI seja realmente instaurada, essas organizações estão cheias de dinheiro público, nada explicado. Comentários anônimos Revista Veja

Leia mais

INSTRUÇÃO Nº 1161-56.2011.6.00.0000 CLASSE 19 BRASÍLIA DISTRITO FEDERAL

INSTRUÇÃO Nº 1161-56.2011.6.00.0000 CLASSE 19 BRASÍLIA DISTRITO FEDERAL RESOLUÇÃO Nº 23.364 INSTRUÇÃO Nº 1161-56.2011.6.00.0000 CLASSE 19 BRASÍLIA DISTRITO FEDERAL Relator: Ministro Arnaldo Versiani Interessado: Tribunal Superior Eleitoral Ementa: Dispõe sobre pesquisas eleitorais

Leia mais

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO DE FISCALIZAÇÃO FINANCEIRA E CONTROLE PROPOSTA DE FISCALIZAÇÃO E CONTROLE Nº 37, DE 2015

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO DE FISCALIZAÇÃO FINANCEIRA E CONTROLE PROPOSTA DE FISCALIZAÇÃO E CONTROLE Nº 37, DE 2015 PROPOSTA DE FISCALIZAÇÃO E CONTROLE Nº 37, DE 2015 Propõe que a Comissão de Fiscalização e Controle, com o auxílio do Tribunal de Contas da União realize ato de fiscalização e controle sobre a aquisição

Leia mais

Gilmar Mendes perde e STF veta doação de empresas Sex, 18 de Setembro de 2015 11:13

Gilmar Mendes perde e STF veta doação de empresas Sex, 18 de Setembro de 2015 11:13 Até Maradona coraria. Teve a mão de Deus, disse o ministro Gilmar Mendes na quarta 16 ao defender seu longo pedido de vista, de um ano e cinco meses, no julgamento do Supremo Tribunal Federal que analisa

Leia mais

SUMÁRIO: RELATÓRIO DE AUDITORIA. FOLHA DE PAGAMENTO. INDÍCIOS DE IRREGULARIDADE. AUDIÊNCIAS. RELATÓRIO

SUMÁRIO: RELATÓRIO DE AUDITORIA. FOLHA DE PAGAMENTO. INDÍCIOS DE IRREGULARIDADE. AUDIÊNCIAS. RELATÓRIO GRUPO II CLASSE V Plenário TC 019.100/2009-4 Natureza(s): Relatório de Auditoria Órgão: Senado Federal (vinculador) Interessado: Congresso Nacional Advogado(s): não consta. SUMÁRIO: RELATÓRIO DE AUDITORIA.

Leia mais

1. Marcelo Rebelo de Sousa vai ser um bom Presidente da República?, RTP 1 - Prós e Contras, 25-01-2016 1

1. Marcelo Rebelo de Sousa vai ser um bom Presidente da República?, RTP 1 - Prós e Contras, 25-01-2016 1 Tv's_25_Janeiro_2016 Revista de Imprensa 1. Marcelo Rebelo de Sousa vai ser um bom Presidente da República?, RTP 1 - Prós e Contras, 25-01-2016 1 2. Conversa com Marisa Matias, RTP 2 - Página 2, 25-01-2016

Leia mais

Livre estipulação das relações trabalhistas ameaça conquistas

Livre estipulação das relações trabalhistas ameaça conquistas BOLETIM 6 Brasília, 9 de novembro de 2015 Livre estipulação das relações trabalhistas ameaça conquistas O deputado Benjamin Maranhão (SD-PB), presidente da Comissão de Trabalho, Administração e Serviço

Leia mais

JURIDICIDADE DO AUMENTO DA JORNADA DE TRABALHO DE SERVIDORES PÚBLICOS

JURIDICIDADE DO AUMENTO DA JORNADA DE TRABALHO DE SERVIDORES PÚBLICOS ESTUDO JURIDICIDADE DO AUMENTO DA JORNADA DE TRABALHO DE SERVIDORES PÚBLICOS Leonardo Costa Schuler Consultor Legislativo da Área VIII Administração Pública ESTUDO MARÇO/2007 Câmara dos Deputados Praça

Leia mais

Boletim de Divulgação do Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação nº 17 28/03/2003

Boletim de Divulgação do Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação nº 17 28/03/2003 Minicom revela causas do atraso na autorização de rádios comunitárias Secretário de Radiodifusão mostrou ao Conselho de Comunicação Social que dos 7.531 processos abertos no Ministério das Comunicações

Leia mais

Reclamação 17.383-SP-Eletrônico Celso de Mello

Reclamação 17.383-SP-Eletrônico Celso de Mello Nº 2.791 PGR-RJMB -Eletrônico Relator: Ministro Celso de Mello Reclamante: Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos Reclamado: Tribunal Superior do Trabalho RECLAMAÇÃO. CONSTITUCIONAL E ADMINIS- TRATIVO.

Leia mais

Americano e cinco brasileiros são processados por 'tour sexual' no AM

Americano e cinco brasileiros são processados por 'tour sexual' no AM Página 1 de 5 11/07/2011 18h20 - Atualizado em 11/07/2011 18h20 Americano e cinco brasileiros são processados por 'tour sexual' no AM Caso teve 8 vítimas e foi investigado pela Polícia Federal entre 2007

Leia mais

Clipping CARF Matérias de jornais, revistas, sites e blogs que mencionam o CARF

Clipping CARF Matérias de jornais, revistas, sites e blogs que mencionam o CARF Clipping CARF Matérias de jornais, revistas, sites e blogs que mencionam o CARF FETEC CN Aumenta disputa entre Judiciário e MP sobre politização da Operação Zelotes Por Hylda Cavalcanti, da RBA Brasília

Leia mais

PARECER Nº, DE 2012. RELATOR: Senador RENAN CALHEIROS

PARECER Nº, DE 2012. RELATOR: Senador RENAN CALHEIROS PARECER Nº, DE 2012 Da COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO, JUSTIÇA E CIDADANIA, sobre a Proposta de Emenda à Constituição sobre a Proposta de Emenda à Constituição nº 56, de 2011, do Senador Luiz Henrique, que altera

Leia mais

VÓS SOIS O SAL DA TERRA, DISSE JESUS

VÓS SOIS O SAL DA TERRA, DISSE JESUS VÓS SOIS O SAL DA TERRA, DISSE JESUS Se o sal perde o sabor, com que lhe será restituído o sabor? Para nada mais serve senão para ser lançado fora e calcado pelos homens. (Mt. 5, 13) Carta do Padre Lodi

Leia mais

Entidade: Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis - Ibama

Entidade: Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis - Ibama Tribunal de Contas da União Número do documento: DC-0372-38/00-2 Identidade do documento: Decisão 372/2000 - Segunda Câmara Ementa: Representação formulada por Unidade Técnica do TCU. IBAMA. Possíveis

Leia mais

CONTROLE DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

CONTROLE DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA CONTROLE DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA Ficha Técnica Coleção Passo a Passo Publicação da Assembleia Legislativa de Minas Gerais Coordenação: Escola do Legislativo Gerente-Geral da Escola do Legislativo: Ruth

Leia mais

HC 6017-PB (0002378-25.2015.4.05.0000). RELATÓRIO

HC 6017-PB (0002378-25.2015.4.05.0000). RELATÓRIO HC 6017-PB (0002378-25.2015.4.05.0000). IMPTTE : CONSELHO FEDERAL DA ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL ADV/PROC : OSWALDO PINHEIRO RIBEIRO JÚNIOR E OUTROS IMPTDO : JUÍZO DA 8ª VARA FEDERAL DA PARAÍBA (SOUSA)

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal Diário da Justiça de 23/06/2006 11/04/2006 PRIMEIRA TURMA RELATOR ADVOGADO(A/S) EMBARGADO(A/S) : MIN. JOAQUIM BARBOSA : STAROUP S/A INDÚSTRIA DE ROUPAS : REGINALDO CAPITULINO DE ANDRADE : ANDRAS GYORGY

Leia mais

PERGUNTAS RELACIONADAS COM O ESCÂNDALO DE CORRUPÇÃO NA AGU (Operação Porto Seguro)

PERGUNTAS RELACIONADAS COM O ESCÂNDALO DE CORRUPÇÃO NA AGU (Operação Porto Seguro) PERGUNTAS RELACIONADAS COM O ESCÂNDALO DE CORRUPÇÃO NA AGU (Operação Porto Seguro) Não é de pequena importância para um príncipe a escolha dos seus ministros, os quais são bons ou não segundo a prudência

Leia mais

EXCELENTÍSSIMO SENHOR DOUTOR PROCURADOR-GERAL DA REPÚBLICA RODRIGO JANOT MONTEIRO DE BARROS

EXCELENTÍSSIMO SENHOR DOUTOR PROCURADOR-GERAL DA REPÚBLICA RODRIGO JANOT MONTEIRO DE BARROS EXCELENTÍSSIMO SENHOR DOUTOR PROCURADOR-GERAL DA REPÚBLICA RODRIGO JANOT MONTEIRO DE BARROS RAUL BELENS JUNGMANN PINTO, brasileiro, solteiro portador da Cédula de Identidade RG n 964.067 SSP-PE, inscrito

Leia mais

C L I P P I N G DATA: 13.04.2016

C L I P P I N G DATA: 13.04.2016 C L I P P I N G DATA: 13.04.2016 Chefe de vigias nega que itinerário de carro-forte foi entregue a assaltantes À Polícia Civil, funcionário disse que trajeto só é informado antes do embarque. Quadrilha

Leia mais

DO SENADOR PEDRO TAQUES (PDT MT) Senhoras Senadoras e Senhores Senadores,

DO SENADOR PEDRO TAQUES (PDT MT) Senhoras Senadoras e Senhores Senadores, DO SENADOR PEDRO TAQUES (PDT MT) Senhor Presidente, Senhoras Senadoras e Senhores Senadores, cidadãos brasileiros que nos ouvem pelos veículos de comunicação do Senado Federal, No dia dezoito de março

Leia mais

GoVERNO DO EsTADO DO CEARÁ Secretaria da Fazenda CONTENCIOSO ADMINISTRATIVO TRIBUTÁRIO - CONAT CONSELHO DE RECURSOS TRIBUTÁRIOS - CRT

GoVERNO DO EsTADO DO CEARÁ Secretaria da Fazenda CONTENCIOSO ADMINISTRATIVO TRIBUTÁRIO - CONAT CONSELHO DE RECURSOS TRIBUTÁRIOS - CRT U~. RESOLUÇÃO N 4 49 /2011 2 8 CÂMARA DE JULGAMENTO 134 8 SESSÃO ORDINÁRIA EM: 12/07/2011 PROCESSO N 1/0886/2007 AUTO DE INFRAÇÃO N 1/200700358 RECORRENTE: F. E. SANTOS DIAS RECORRIDA: CÉLULA DE JULGAMENTO

Leia mais

IMUNIDADES TRIBUTÁRIAS

IMUNIDADES TRIBUTÁRIAS IMUNIDADES TRIBUTÁRIAS Ives Gandra da Silva Martins Marilene Talarico Martins Rodrigues SUMÁRIO: Considerações Iniciais. Imunidades como Limitação ao Poder de Tributar. Imunidade das Instituições - Educacionais

Leia mais

Pela revogação das Medidas Provisórias 664 e 665

Pela revogação das Medidas Provisórias 664 e 665 Boletim Econômico Edição nº 56 fevereiro de 2015 Organização: Maurício José Nunes Oliveira Assessor econômico Pela revogação das Medidas Provisórias 664 e 665 As duas medidas visam economizar R$ 18 bilhões

Leia mais

DEPARTAMENTO DE TAQUIGRAFIA, REVISÃO E REDAÇÃO NÚCLEO DE REDAÇÃO FINAL EM COMISSÕES TEXTO SEM SUPERVISÃO

DEPARTAMENTO DE TAQUIGRAFIA, REVISÃO E REDAÇÃO NÚCLEO DE REDAÇÃO FINAL EM COMISSÕES TEXTO SEM SUPERVISÃO CÂMARA DOS DEPUTADOS DEPARTAMENTO DE TAQUIGRAFIA, REVISÃO E REDAÇÃO NÚCLEO DE REDAÇÃO FINAL EM COMISSÕES TEXTO TRANSCRIÇÃO IPSIS VERBIS CPI - SIVAM EVENTO: N : 0528/02 DATA: 04/06/02 INÍCIO: 15h35min TÉRMINO:

Leia mais

C L I P P I N G DATA: 08.01.2016

C L I P P I N G DATA: 08.01.2016 C L I P P I N G DATA: 08.01.2016 Projeto da terceirização será discutido pelo Senado após tramitar 20 anos na Câmara Atualmente, a legislação brasileira só permite a contratação de mão de obra terceirizada

Leia mais

Sindifisco Nacional - Delegacia Sindical de São Paulo Clipping de 14 de janeiro de 2010

Sindifisco Nacional - Delegacia Sindical de São Paulo Clipping de 14 de janeiro de 2010 Sindifisco Nacional - Delegacia Sindical de São Paulo Clipping de 14 de janeiro de 2010 Notícias na íntegra FOLHA DE S.PAULO Governo faz ajuste para ter superavit em dezembro Para atingir meta de 2009,

Leia mais

C L I P P I N G DATA: 01.06.2015

C L I P P I N G DATA: 01.06.2015 C L I P P I N G DATA: 01.06.2015 Dívidas de Agnelo serão pagas pela ordem cronológica Para atender à lei, governo reformula cronograma para quitar débitos com mais de 900 fornecedores. Um questionamento

Leia mais