Anexo às Demonstrações Financeiras I Parte Caracterização da Entidade. 8.1 Caracterização da entidade. Identificação

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Anexo às Demonstrações Financeiras 2008. I Parte Caracterização da Entidade. 8.1 Caracterização da entidade. Identificação"

Transcrição

1 Anexo às Demonstrações Financeiras 2008 I Parte Caracterização da Entidade 8.1 Caracterização da entidade Identificação O Município de Leiria tem sede no Largo da República, Leiria, com o número de pessoa colectiva , telefone n.º , fax n.º e Esta entidade visa, através dos seus órgãos representativos (executivo e deliberativo), a prossecução de interesses próprios da população do concelho de Leiria. Estrutura Organizacional O Regulamento da Organização dos Serviços Municipais, Organograma e Quadro de Pessoal foram aprovados pela Assembleia Municipal em sessão extraordinária realizada em 29 de Outubro de 2004 mediante proposta da Câmara Municipal, aprovada na sua reunião de 11 de Outubro. Recursos Humanos Período de 1 de Janeiro a 31 de Dezembro de 2008: Presidente - Isabel Damasceno Vieira Campos Costa (no período de a ); Vereador - Vitor Manuel Domingues Lourenço (no período de a ); Vereador - Fernando Brites Carvalho (no período de a ); Vereadora - Neusa Fernandina Sobrinho Magalhães (no período de a ); Vereadora - Isabel Maria Sousa Gonçalves Santos (no período de a ); Vereador - Raul Miguel de Castro (no período de a ); 1

2 Vereador - Carlos Manuel Lopes Ferreira Martins (no período de a , a ); Vereadora - Lucinda Gaspar Antunes Caleira; Vereador - António Manuel Faria Ferreira (no período de a , a ); Vereadora Carla Alexandra Ferreira Sebastião (no período de a , ; ; , ); Vereadora - Célia Maria Arneiro ( e no período de a ). Organização Contabilística O sistema informático adoptado foi fornecido pela Medidata e consiste numa aplicação SIGMA Sistema Integrado de Gestão Municipal a correr sob uma base de dados Oracle, possibilitando o cumprimento do disposto no Decreto-Lei n.º 54-A/99, de 2 de Janeiro. Notas técnicas No ano de 2008 o Município recebeu ,00 de Fundo de Equilíbrio Financeiro dos quais ,00 são correntes e ,00 são capital, ,00 de Fundo Social Municipal e ,00 de Participação Variável no IRS. O montante de investimentos realizados pelo município em 2008 foi de ,72, em 2007 foi de ,21 e em 2006 foi de ,23. Em 2008 o Município de Leiria não sofreu qualquer acção-inspectiva, no entanto, em 2007, sofreu uma auditoria levada a cabo pela Inspecção Geral de Finanças (IGF) para avaliação do endividamento municipal. Em 2006, não sofreu qualquer acção inspectiva. No entanto, em 2005 foi realizada uma acção inspectiva sectorial levada a cabo pela IGAT Inspecção-Geral da Administração do Território, no âmbito da gestão do pessoal, planeamento e urbanismo, conselho de administração da Leirisport E.M. e empreitada de construção da nova ponte sobre o rio Lis. 2

3 Em 2004 o Município de Leiria voltou a não sofrer qualquer acção inspectiva, mas em 2003, realizou-se uma acção levada a cabo pela Inspecção Geral de Finanças (IGF) para avaliação do desempenho no âmbito do EURO 2004, esta auditoria iniciou-se a 17 de Fevereiro. Em 2002 foi realizada uma auditoria financeira por parte do Tribunal de Contas à gerência de Em 2000, a IGF realizou uma inspecção temática no Município de Leiria. Em 2008 o Município de Leiria suportou ,07 em encargos financeiros com empréstimos contraídos a médio e longo prazo, desse total ,08 correspondem a amortizações e ,99 correspondem a juros. Do total de encargos financeiros suportados pelo município, 2.658,01 são relativos a amortizações de um empréstimo contraído pela AMLEI Área Metropolitana de Leiria e 1.618,72 são juros suportados no âmbito do referido empréstimo. II Parte Notas ao balanço e à demonstração de resultados 8.2 Notas ao balanço e à demonstração de resultados O presente anexo ao balanço e à demonstrações de resultados 2008 foi elaborado de acordo com o definido no Plano Oficial de Contabilidade das Autarquias Locais (POCAL), aprovado pelo Decreto-Lei n.º54-a/99, de 22 de Fevereiro. Os pontos que se seguem respeitam a numeração sequencial definida no POCAL. Não se verificam os pontos cuja numeração se encontra ausente (8.2.4; 8.2.5; 8.2.9; ; ; ; ; ; ; ; , ). As demonstrações financeiras encontram-se elaboradas de acordo com os seguintes princípios contabilísticos: a) Princípio da entidade contabilística; b) Princípio da continuidade; c) Princípio da consistência; d) Princípio da especialização; e) Princípio do custo histórico; f) Princípio da prudência; g) Princípio da materialidade; h) Princípio da não compensação; i) Princípio da substância sobre a forma. 3

4 Na análise ao imobilizado devem ser elencadas as considerações efectuados nas prestação de contas dos outros exercícios. Os escassos recursos humanos nomeadamente nos Sectores da Contabilidade e do Património, têm constituído o maior entrave à implementação da contabilidade patrimonial. Tem sido um processo moroso e muito complexo, cujas dificuldades têm sido ultrapassadas de forma contínua e consolidada a fim de proporcionar uma informação cada vez mais fidedigna, oportuna e económica. Contabilisticamente, o ano 2008 foi marcado pela regularização dos subsídios ao investimento auferidos durante o ano Como principal lacuna na implementação da contabilidade patrimonial salientamos a não inventariação de bens imóveis, pela não satisfação do disposto no n.º2 do artigo 15.º do Cadastro e Inventário dos Bens do Estado, tendo como consequência a permanência desse imobilizado nas contas de imobilizado em curso No que respeita ao princípio da consistência no ano de 2008 há apenas a registar a forma como foram contabilizadas as anulações da receita cujo reconhecimento tinha sido efectuado em anos anteriores. Assim, o registo da anulação foi feito na conta de correcção de custos relativos aos anos anteriores em vez de ter afectado a conta de anulação da receita (72.6.). A conta de anulação de receita foi utilizada escassamente para registar as anulações de receita reconhecidas durante o ano de Os critérios valorimétricos utilizados na preparação das demonstrações financeiras foram os definidos no ponto 4 do POCAL, sendo as provisões para riscos e encargos determinadas pelo ponto e as amortizações calculadas com base no ponto do POCAL e pelo estabelecido no cadastro e inventário dos bens do Estado (CIBE), aprovado pela Portaria n.º 671/2000, de 17 de Abril. Relativamente ao CIBE à que destacar o definido no artigo 34.º - Materialidade, onde é estabelecida uma taxa de amortização de 100% para os bens cujo valor de aquisição é inferior a 80% do índice 100 da escala salarial das carreiras do regime da função pública, que no ano de 2008 foi de 333,61. 4

5 a) Bens do domínio público Os bens do domínio público são registados pelo custo de aquisição, pelo valor atribuído pela Comissão de Avaliação e nos casos dos bens transferidos da LeiriaPolis, SA pelo valor constante nos seus registos contabilísticos. As amortizações são calculadas pelo método das quotas constantes. As taxas de amortização aplicadas são as definidas no CIBE. b) Imobilizações incorpóreas As imobilizações incorpóreas são registadas ao custo de aquisição. As amortizações são calculadas pelo método das quotas constantes. As taxas de amortização aplicadas são as definidas no CIBE, com a observância da materialidade, sendo definido um período máximo de cinco anos para as despesas de instalação, investigação e desenvolvimento (4.1.8 do POCAL). c) Imobilizações corpóreas As imobilizações corpóreas encontram-se registadas ao custo de aquisição, ou de produção. Quando se trata de imobilizações corpóreas obtidas a titulo gratuito, são utilizados dois procedimentos mediante a natureza do imobilizado. Nos bens móveis, ex. bens cedidos às escolas pelos Agrupamentos, se existir o documento de despesa, valoriza-se o bem de acordo com o custo, se não existir documento, o valor atribuído será zero. No caso dos bens imóveis, cedências de loteamentos, é a Comissão de Avaliação que atribui o valor. Os bens são amortizados de acordo com o método das quotas constantes, às taxas fixadas no CIBE, respeitando o definido na materialidade. 5

6 d) Locação Financeira Os activos imobilizados adquiridos mediante contratos de locação financeira, bem como as correspondentes responsabilidades são contabilizadas pelo princípio da substância sobre a forma.. Segundo este método os bens adquiridos através de contratos de locação financeira, são registados por igual quantitativo no activo e no passivo pelo mais baixo e justo valor, líquido de subsídios e de créditos de imposto, conforme a alínea a) e d) da nota explicativa à conta 42 do POCAL. As amortizações são calculadas pelo método das quotas constantes. e) Investimentos financeiros Os investimentos financeiros encontram-se registados pelo princípio do custo histórico. f) Existências As existências estão valorizadas ao custo de aquisição. O custo é calculado como se segue: Matérias-primas e subsidiárias custo de aquisição e despesas adicionais. O critério de movimentação das saídas é o custo médio ponderado. g) Acréscimos e diferimentos Os proveitos e os custos são registados de acordo com o princípio da especialização dos exercícios, sendo reconhecidos à medida em que são gerados independentemente do momento em que são recebidos ou pagos. As diferenças entre os montantes recebidos e pagos e os correspondentes proveitos e custos gerados são registados nas rubricas de acréscimos e diferimentos. 6

7 h) Provisões A constituição de provisões diz respeito às situações a que estejam associados riscos e que não se trate de uma simples estimativa de um passivo certo, não sendo a sua importância superior às necessidades. Assim, foram consideradas as cobranças duvidosas e a depreciação de existências. Para efeitos de constituição de provisão para cobranças duvidosas, consideraram-se as dívidas de terceiros em mora há mais de seis meses e cujo risco de incobrabilidade seja devidamente justificado. O montante anual acumulado de provisão para cobertura destas dívidas é determinado de acordo com as seguintes percentagens: - 50% para dívidas em mora há mais de 6 meses e até 12 meses; - 100% para dívidas em mora há mais de 12 meses. Para efeitos de constituição da provisão para depreciação de existências, consideraram-se as existências em armazém há mais de um ano que não tiveram qualquer movimento de entrada e actualização de preços durante o ano de O montante anual acumulado de provisão resulta das diferenças entre o custo de aquisição e o preço de mercado, quando este for inferior àquele. i) Dívidas de e a terceiros As dívidas de e a terceiros são expressas pelas importâncias constantes dos documentos que as titulam, sendo registadas em euros. j) Disponibilidades As disponibilidades de caixa e depósitos em instituições financeiras são expressas pelos montantes dos meios de pagamento e dos saldos de todas as contas de depósito, sendo os mesmos expressos em euros. 7

8 O Município tem vindo a registar na rubrica do imobilizado incorpóreo, na sua maioria, despesas com o software e licenças, apresentando no ano de 2008 um aumento de ,04 e um imobilizado incorpóreo líquido de ,65. Pela primeira vez são registadas imobilizações incorpóreas em curso - propriedade industrial e outros direitos, resultantes dos projectos de avaliação ambiental da revisão do PDM ( ,00) e o Parecer de avaliação ambiental do Plano de Pormenor de Leiria Norte ( 1.080,00) ambos em fase de aprovação pelo órgão competente Imobilizações incorpóreas , , , ,65 Propriedade industrial e outros direitos , , , ,65 Imobilizações incorpóreas em curso 0,00 0,00 0, ,00 Imobilizações em curso 0,00 0,00 0, ,00 Total , , , , Nos quadros infra descrevem-se os movimentos ocorridos durante o exercício, nas rubricas do activo imobilizado, bem como as respectivas amortizações acumuladas: Rubricas Saldo Inicial ACTIVO BRUTO Reavaliações /ajustamentos Aumentos Alienações Transferências e abates EUROS Saldo Final BENS DE DOMÍNIO PÚBLICO ,28 0, ,77 0,00 0, ,05 Terrenos e recursos naturais ,74 0, ,26 0,00 0, ,00 Edifícios 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 Outras construções e infra-estruturas ,54 0,00 0,00 0,00 0, ,54 Bens do património histórico, artístico e cultural 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 Outros bens de domínio público 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 Imobilizações em curso de bens de domínio público 0,00 0, ,51 0,00 0, ,51 IMOBILIZAÇÕES INCORPÓREAS ,74 0, ,04 0, , ,78 Despesas de instalações 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 Despesas de investigação e de desenvolvimento 0,00 0, ,00 0, ,00 0,00 Propriedade industrial e outros direitos ,48 0, ,04 0,00 0, ,52 Planos e Projectos ,26 0,00 0,00 0,00 0, ,26 Outras 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 Imobilizações em curso de imobilizações incorpores 0,00 0, ,00 0,00 0, ,00 IMOBILIZAÇÕES CORPOREAS ,29 0, , , , ,86 Terrenos e recursos naturais ,39 0, ,98 0,00 0, ,37 Edifícios e outras construções ,76 0, ,02 0,00 0, ,78 Equipamento básico ,07 0, , , , ,75 Equipamento de transporte ,99 0, , ,76 0, ,61 Ferramentas e utensílios ,09 0, ,24 0,00 0, ,33 Equipamento administrativo ,60 0, ,25 179, , ,81 Taras e vasilhame 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 Outras imobilizações corpóreas ,08 0, ,00 0,00 0, ,08 Imobil. em curso de imobilizações corpóreas ,31 0, ,99 0, , ,13 8

9 INVESTIMENTOS FINANCEIROS ,00 0, ,00 0, , ,00 Partes de capital ,00 0, ,00 0, , ,00 Obrigações e títulos de participação 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 Investimentos em imóveis 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 Outras aplicações financeiras 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 TOTAL ,31 0, , , , ,69 AMORTIZAÇÕES ACUMULADAS Rubricas Saldo Inicial Reforço Regularizações Saldo Final De bens de domínio publico 7.501, ,13 0, ,63 Terrenos e recursos naturais 0,00 0,00 0,00 0,00 Edifícios 0,00 0,00 0,00 0,00 Outras construções e infra-estruturas 7.501, ,13 0, ,63 Bens de património histórico, artístico e cultural 0,00 0,00 0,00 0,00 Outros bens de domínio público 0,00 0,00 0,00 0,00 De imobilizações incorpóreas , ,03 0, ,13 Despesas de instalação 0,00 0,00 0,00 0,00 Despesas de investigação e de desenvolvimento 0,00 0,00 0,00 0,00 Propriedade industrial e outros direitos , ,59 0, ,91 Planos e Projectos , ,44 0, ,22 Outros 0,00 0,00 0,00 0,00 De imobilizações corpóreas , , , ,75 Terrenos e recursos naturais 0,00 0,00 0,00 0,00 Edifícios e outras construções , ,29 0, ,28 Edifícios , ,23 0, ,09 Habitação , ,03 0, ,06 Instalações de Serviços , ,97 0, ,78 Instalações desportivas e recreativas 0,00 0,00 0,00 0,00 Mercados e instalações de fiscalização sanitária 0,00 0,00 0,00 0,00 Creches 0,00 0,00 0,00 0,00 Escolas , ,54 0, ,74 Lares de terceira idade 0,00 0,00 0,00 0,00 Outros , ,69 0, ,51 Outras construções , ,06 0, ,19 Viadutos, arruamentos e obras complementares 0,00 0,00 0,00 0,00 Esgotos 0,00 0,00 0,00 0,00 Iluminação pública 300,24 50,07 0,00 350,31 Parques e jardins , ,92 0, ,66 Instalações desportivas e recreativas , ,06 0, ,29 Captação, tratamento e distribuição de água 0,00 0,00 0,00 0,00 Viação rural 0,00 0,00 0,00 0,00 Sinalização e trânsito , ,63 0, ,87 Infra-estruturas para distr. de energia eléctrica , ,87 0, ,25 Infra-estruturas p/ tratamento de resíduos sólidos 0,00 0,00 0,00 0,00 Cemitérios 0,00 0,00 0,00 0,00 Outras , ,51 0, ,81 Equipamento básico , , , ,13 Equipamento de transporte , ,71 753, ,66 Ferramentas e utensílios , ,38 0, ,76 Equipamento administrativo , , , ,64 Taras e vasilhame 0,00 0,00 0,00 0,00 Outras imobilizações corpóreas , ,90 0, ,28 De investimentos financeiros 0,00 0,00 0,00 0,00 Terrenos e recursos naturais 0,00 0,00 0,00 0,00 Edifícios e outras construções 0,00 0,00 0,00 0,00 Edifícios 0,00 0,00 0,00 0,00 Outras construções 0,00 0,00 0,00 0,00 TOTAL , , , ,51 9

10 Ver anexo Relativamente às imobilizações corpóreas e em curso em poder de terceiros, incluindo bens de domínio público cedido por contrato de concessão; imobilizações implantadas em propriedade alheia; imobilizações reversíveis; e respectivas discriminações dos custos financeiros nelas capitalizados, no exercício e acumulados, apresentamos o levantamento efectuado pelo Sector do Património à data do encerramento das contas. Deste modo, no primeiro quadro estão a relação de bens cuja inventariação ainda não ocorreu e no segundo quadro os bens inventariados: Entidade Objecto Localização / Freguesia Destino Prazo Início Arrendamento Ana Paula Gonçalves Gaspar e Celeste Gonçalves Gaspar Antigo Posto da Polícia de Viação de Trânsito Largo de Goa Damão e Diu / Leiria Restauração e Bebidas/Venda de Revistas 15 anos Concessão Assoc. Solidariedade Académico de Leiria Desafios Urbanos, Ld.ª Carla Alexandra Ferreira da Silva Mauro António Rosa Vieira 2 edifícios juntos ao Parque Desportivo 2 espaços integrados nos edifícios sul e norte do Parque da Cidade Espaço integrado no edifício da Casa Mortuária de Leiria Espaço integrado no edifício do Centro de Interpretação Ambiental (CIA) Zona Ribeirinha, junto à NERLEI / Leiria Bebidas e actividades lúdicas 5 anos Parque Tenente Coronel Jaime Bebidas e Restauração e Bebidas 10 anos Filipe da Fonseca / Leiria Rua de Santo António / Leiria Comércio a retalho de flores 5 anos Rua Roberto Ivens / Leiria Restauração e Bebidas 5 anos Aida Cecília Fernandes Monteiro Quiosque n.º 1 Parque da Fonte Quente / Leiria Quiosque/Tabacaria 5 anos

11 Direito de Superfície Objecto Localização Freguesia Destino Prazo Início Fábrica Da Igreja Paroquial De Leiria Parcela de Terreno Cruz d' Areia Leiria Centro de Culto 70 anos Orfeão De Leiria Parcela de Terreno Av. 25 de Abril Leiria Sede do Orfeão 50 anos União Desportiva De Leiria Parcela de Terreno Av. 25 de Abril Leiria Sede da UDL 50 anos Provilei -Associação De Solidariedade Social Parcela de Terreno Vale do Arneiro Marrazes Sede e Instalações Sociais 75 anos Provilei -Associação De Solidariedade Social Parcela de Terreno Vale do Arneiro Marrazes Sede e Instalações Sociais 75 anos OASIS - Organiz. Apoio E Sol. Para A Integração Social Parcela de Terreno Vale Grande Pousos Sede e Instalações de Apoio 75 anos Fábrica Da Igreja Paroquial Dos Marrazes Parcela de Terreno Quinta da Alçada Marrazes Centro de Culto 70 anos Associação Amigos Da Criança De Leiria Parcela de Terreno Capuchos Leiria ATL 50 anos Creche E Jardim De Infância: O Pinóquio Parcela de Terreno Bairro das Almuinhas Marrazes Creche 50 anos Centro Social E Paroquial De Pousos Lote 16 Casal dos Matos Pousos Lar e Centro de Dia 55 anos IPJ - Instituto Português Da Juventude Parcela de Terreno Av. 25 de Abril Leiria Edifício do IPJ Leiria 50 anos Atlético Clube Da Sismaria Lote 16 Pilada Marrazes Sede e Pavilhão 50 anos Juventude Desportiva Do Lis Parcela de Terreno São Romão Pousos Pavilhão Desportivo 75 anos Colégio Dr. Luís Pereira Da Costa, Ld.ª Parcela de Terreno Figueirinha Monte Redondo Edifício Escolar 50 anos Nerlei - Assoc. Empresarial Da Região De Leiria Parcela de Terreno Quinta do Cabeço Leiria Sede da Nerlei 50 anos OASIS - Organiz. Apoio E Sol. Para A Integração Social Parcela de Terreno Vale Grande Pousos Lar residencial 75 anos Associação Columbófila Do Distrito De Leiria Parcela de Terreno Quinta da Alçada Marrazes Sede 50 anos Sociedade Columbófila De Leiria Parcela de Terreno Quinta da Alçada Marrazes Sede 50 anos Somague+Socoparque+Emparque Parcela de Terreno Avenida Cidade de Maringá Leiria Parque de estacionamento 50 anos Data início exploração Leirisport, EM Parcela de Terreno Quinta do Cabeço Leiria Estádio Municipal 99 anos Lizestacionamentos, S.A Parcela de Terreno Largo da Fonte Luminosa Leiria Parque de estacionamento 50 anos Associação Obras Sociais São Vicente De Paulo Parcela de Terreno Rua Prof. Abílio Alves Brito Pousos Habitação Social 50 anos Atlético Clube Da Sismaria Parcela de Terreno Sismaria Marrazes Sede e Pavilhão 50 anos Leiriapolis, SA Parcela de Terreno Largo da Infantaria 7 Leiria Parque de estacionamento 50 anos Leiriapolis, SA Parcela de Terreno Largo Dr. Serafim Lopes Pereira Leiria Parque de estacionamento 50 anos União Desportiva Da Serra Parcela de Terreno Mourada St.ª Cat. da Serra Pavilhão Desportivo 60 anos Rancho Da Região De Leiria Lote 95 Arrabalde da Ponte Marrazes Sede 60 anos Asa - Assistência Social Adventista Lote D Aldeamento St.ª Clara Parceiros Centro de Dia 60 anos Supercoop - C.R.L Lote A Aldeamento St.ª Clara Parceiros Edifício escolar 60 anos Clube De Judo Dragão Parcela de Terreno Vale Grande Marrazes Pavilhão Desportivo 60 anos IPL - Instituto Politécnico De Leiria Lote E Aldeamento St.ª Clara Parceiros Residência de estudantes 60 anos ASSP - Assoc. Solidariedade Social Dos Professores Lote B Aldeamento St.ª Clara Parceiros Casa do Professor 60 anos

12 Os bens utilizados em regime de locação financeira que constituíram custos no exercício em análise são: Aquisição N.º Contrato Descrição dos bens Data Valor Valor Líquido VIATURA,17-49-ZS,RENAULT KANGOO VP , ,98 VIATURA,17-58-ZS,RENAULT KANGOO VP , , VIATURA,17-83-ZS,RENAULT KANGOO VP , ,26 VIATURA,17-48-ZS,RENAULT KANGOO VP , , VIATURA,31-AQ-08,NISSAN PICKUP DC 4X4 3.5 T , , VIATURA,53-GC-04,RENAULT KANGOO2 VP , , ens do imobilizado cu a alorização não foi ossí el: a ens im eis que não foram alorizados: DESCRIÇÃO PARCELA DE TERRENO DESTINADA A EQUIPAMENTO, SITO EM SOBREIRO - BAROSA Cedência Loteamento PARCELA DE TERRENO DESTINADA À IMPLANTAÇÃO DE ESTAÇÃO ELEVATÓRIA DE ESGOTOS, SITA EM FONTE, MACEIRA (SMAS) SMAS QUIOSQUE DE APOIO A ACTIVIDADES LÚDICAS/APOIO NÁUTICO (ZONA 6 - INTERVENÇÃO POLIS) Transferências Leiria Polis QUIOSQUE DESTINADO A ESTABELECIMENTO DE BEBIDAS (ZONA 6 - INTERVENÇÃO POLIS) Transferências Leiria Polis EDIFÍCIO DESIGNADO POR "CENTRO INTERPRETAÇÃO AMBIENTAL - CIA", COMPOSTO POR ARMAZÉM, LABORATÓRIO, WC'S, HALL ESPAÇO MULTIUSOS, ASSOCIAÇÕES, RECEPÇÃO, MONITORIZAÇÃO, ZONA ADMISTRATIVA, BAR SITO NA RUA ROBERT IVENS, LEIRIA (ZONA 3 - INTERVENÇÃO POLIS) EDIFÍCIO "CASA MORTUÁRIA DE LEIRIA", COMPOSTO POR 4 SALAS DE CÂMARA ARDENTE, HALL DE ENTRADA, WC'S, CAPELA, SACRISTIA, ARRECADAÇÃO, FLORISTA, GABINETE DA ADMINISTRAÇÃO E SALAS DE ACOMPANHANTES, SITO NA RUA DE SANTO ANTÓNIO, LEIRIA MOTIVO Transferências Leiria Polis Transferências Leiria Polis EDIFÍCIO SUL, SITO NO PARQUE TENENTE CORONEL JAIME FILIPE DA FONSECA, LEIRIA (POLIS - ZONA 4) Transferências Leiria Polis EDIFÍCIO NORTE, SITO NO PARQUE TENENTE CORONEL JAIME FILIPE DA FONSECA, LEIRIA (POLIS - ZONA 4) Transferências Leiria Polis QUIOSQUE 1, SITO NO PARQUE DA FONTE QUENTE, LEIRIA (POLIS - ZONA 4) Transferências Leiria Polis QUIOSQUE 2, SITO NO PARQUE DA FONTE QUENTE, LEIRIA (POLIS - ZONA 4) Transferências Leiria Polis QUIOSQUE 3, SITO NO PARQUE DA FONTE QUENTE, LEIRIA (POLIS - ZONA 4) Transferências Leiria Polis QUIOSQUE 4, SITO NO PARQUE DA FONTE QUENTE, LEIRIA (POLIS - ZONA 4) Transferências Leiria Polis QUIOSQUE 5, SITO NO PARQUE DA FONTE QUENTE, LEIRIA (POLIS - ZONA 4) Transferências Leiria Polis QUIOSQUE LARUS, SITO NO ROSSIO, LEIRIA (POLIS - ZONA 4) Transferências Leiria Polis BANCA 1 C/ 3,37x2,00, SITO NO ROSSIO, LEIRIA (POLIS - ZONA 4) Transferências Leiria Polis BANCA 2 C/ 3,37x2,00, SITO NO ROSSIO, LEIRIA (POLIS - ZONA 4) Transferências Leiria Polis EDIFÍCIO DESTINADO A CASA DE BANHO PÚBLICA, SITO NO JARDIM LUÍS DE CAMÕES, LEIRIA (POLIS - ZONA 4) Transferências Leiria Polis PLATAFORMA FLUTUANTE PARA ATRACAGEM DE BARCOS DE RECREIO (ZONA 6 - INTERVENÇÃO POLIS) Transferências Leiria Polis PONTE PEDONAL (ZONA 6 - INTERVENÇÃO POLIS) Transferências Leiria Polis PONTE PEDONAL (ZONA 5 - INTERVENÇÃO POLIS) Transferências Leiria Polis PONTE PARQUE INFANTIL (ZONA 5 - INTERVENÇÃO POLIS) Transferências Leiria Polis PONTE PEDONAL, SITO NA RUA FÁBRICA DO PAPEL, LEIRIA (POLIS - ZONA 2) Transferências Leiria Polis PONTE PEDONAL "O RELÓGIO" (INTERVENÇÃO POLIS - ZONA 3) Transferências Leiria Polis PONTE PEDONAL "O BAR" (INTERVENÇÃO POLIS - ZONA 3) Transferências Leiria Polis PONTE PEDONAL, SITO NO PARQUE TENENTE CORONEL JAIME FILIPE DA FONSECA, LEIRIA (POLIS - ZONA 4) Transferências Leiria Polis AÇUDE C/ PONTE PEDONAL INCLUÍDA, SITO NA FONTE QUENTE, LEIRIA (POLIS - ZONA 4) Transferências Leiria Polis PONTE PEDONAL, SITO NO PARQUE RADICAL, LEIRIA (POLIS - ZONA 1) Transferências Leiria Polis PLATAFORMA FLUTUANTE DESIGNADA "ANCORADOURO", SITO NO PARQUE TENENTE CORONEL JAIME FILIPE DA FONSECA, LEIRIA (POLIS - ZONA 4) PARCELA DE TERRENO DESTINADA A ZONA DE DESPORTO E LAZER, SITO EM LEIRIA (POLIS ZONA 1 - PARQUE RADICAL DE LEIRIA) Transferências Leiria Polis Transferências Leiria Polis PERCURSO PEDONAL COM REQUALIFICAÇÃO DAS MARGENS DO RIO LIS (ZONA 6 - INTERVENÇÃO POLIS) Transferências Leiria Polis PERCURSO PEDONAL COM REQUALIFICAÇÃO DAS MARGENS DO RIO LIS (ZONA 5 - INTERVENÇÃO POLIS) Transferências Leiria Polis PERCURSO PEDONAL COM REQUALIFICAÇÃO DAS MARGENS DO RIO LIS (INTERVENÇÃO POLIS - ZONA 3) Transferências Leiria Polis PERCURSO PEDONAL C/ REQUALIFICAÇÃO DAS MARGENS DO RIO LIS, SITO EM S. ROMÃO, LEIRIA (POLIS - ZONA 1) Transferências Leiria Polis PERCURSO PEDONAL C/ REQUALIFICAÇÃO DAS MARGENS DO RIO LIS, SITO EM S. ROMÃO, LEIRIA (POLIS - ZONA 2) Transferências Leiria Polis PARCELA DE TERRENO DESIGNADA "PARQUE TENENTE CORONEL JAIME FILIPE DA FONSECA", LEIRIA (POLIS - ZONA 4) Transferências Leiria Polis PARQUE INFANTIL, SITO NO PARQUE TENENTE CORONEL JAIME FILIPE DA FONSECA, LEIRIA (POLIS - ZONA 4) Transferências Leiria Polis 12

13 PARCELA DE TERRENO DESIGNADA "JARDIM LUÍS DE CAMÕES", SITO EM LEIRIA (POLIS - ZONA 4) Transferências Leiria Polis PARCELA DE TERRENO DESIGNADA "ROSSIO", SITO EM LEIRIA (POLIS - ZONA 4) Transferências Leiria Polis PERCURSO PEDONAL C/ REQUALIFICAÇÃO DA MARGEM DO RIO LIS, SITO NO MARACHÃO, LEIRIA (POLIS - ZONA 4) Transferências Leiria Polis PARCELA DE TERRENO DESTINADA A ARRUAMENTOS, SITO EM SOBREIRO - BAROSA Cedência Loteamento PARCELA DE TERRENO DESTINADA A ESTACIONAMENTOS, SITO EM SOBREIRO - BAROSA Cedência Loteamento PARCELA DE TERRENO DESTINADA A PASSEIOS, SITO EM SOBREIRO - BAROSA Cedência Loteamento PARQUE VERDE DA ENCOSTA DO CASTELO DE LEIRIA (ZONA 7 - INTERVENÇÃO POLIS) Transferências Leiria Polis b) Os bens móveis inventariados no ano de 2008 que não foram valorizados: Descrição Motivo BASTIDOR P/ EQUIPAMENTO INFORMÁTICO, C/ 0,60x0,63x1,99 Leiriapolis COMPUTADOR HP COMPAQ DC5100M - P MB RAM - 80GB HDD Leiriapolis COMPUTADOR HP COMPAQ DC5100M - P MB RAM - 80GB HDD Leiriapolis COMPUTADOR HP COMPAQ DC5100M - P MB RAM - 80GB HDD Leiriapolis COMPUTADOR HP COMPAQ DC5100M - P MB RAM - 80GB HDD Leiriapolis COMPUTADOR HP COMPAQ DC5100M - P MB RAM - 80GB HDD Leiriapolis COMPUTADOR HP COMPAQ DC5100M - P MB RAM - 80GB HDD Leiriapolis COMPUTADOR HP COMPAQ DC5100M - P MB RAM - 80GB HDD Leiriapolis COMPUTADOR HP COMPAQ DC5100M - P MB RAM - 80GB HDD Leiriapolis COMPUTADOR - CELERON 634MHz - 128MB RAM - 10GB HDD Leiriapolis COMPUTADOR FUJITSU SIEMENS, SCENIC - PIV 1,5GHz - 256MB RAM - 32,7GB HDD Adquirido antes do inventário inicial COMPUTADOR HP VECTRA VE Doação COMPUTADOR HP VECTRA VE Doação COMPUTADOR HP COMPAQ DC5100M - P MB RAM - 80GB HDD Leiriapolis COMPUTADOR HP COMPAQ DC5100M - P MB RAM - 80GB HDD Leiriapolis COMPUTADOR Leiriapolis COMPUTADOR CITY DESK-INTEL P4 3.00GHZ-448MB RAM Leiriapolis SWITCH DE 24 PORTAS CENTRE COM FH824U Adquirido antes do inventário inicial SWITCH DE 24 PORTAS 3COM Adquirido antes do inventário inicial SWITCH DE 24 PORTAS 3COM Adquirido antes do inventário inicial SWITCH, PLANET FNSW-1601 DE 16 PORTAS Leiriapolis SWITCH SUPER STACK Adquirido antes do inventário inicial HUB 3COM Adquirido antes do inventário inicial IMPRESSORA HP DESKJET 940C Leiriapolis IMPRESSORA HP C7048A LASERJET 1200N Leiriapolis IMPRESSORA HP C2693A DESKJET 1220C PRO Leiriapolis IMPRESSORA HP C7780B DESIGNJET 800 (42"/107CM) Leiriapolis IMPRESSORA HP C7718A SCANJET 7450C Leiriapolis IMPRESSORA DE EMISSÃO DE RECIBOS, STAR TSP700 Leiriapolis IMPRESSORA, HP LASERJET 4350tn Leiriapolis IMPRESSORA, EPSON STYLUS PHOTO R1800 Leiriapolis MONITOR FUJITSU e155 Doação Instituto Segurança social MONITOR SAMTRON 55e Doação Instituto Segurança social MONITOR CRT 17" BELINEA Transferência LeiriaPolis IMPRESSORA DE EMISSÃO DE RECIBOS, STAR TSP700 Transferência LeiriaPolis MONITOR CRT 17" BELINEA Transferência LeiriaPolis MONITOR TFT DE 17", HP 1740 Transferência LeiriaPolis MONITOR TFT DE 17", HP 1740 Transferência LeiriaPolis MONITOR TFT DE 17", HP 1740 Transferência LeiriaPolis MONITOR TFT DE 17", HP 1740 Transferência LeiriaPolis MONITOR TFT DE 17", HP 1740 Transferência LeiriaPolis MONITOR TFT DE 17", HP 1740 Transferência LeiriaPolis MONITOR TFT DE 17", HP 1740 Transferência LeiriaPolis MONITOR TFT DE 17", HP 1740 Transferência LeiriaPolis MONITOR ACER V771 Transferência LeiriaPolis MONITOR TFT DE 17", HP 1740 Transferência LeiriaPolis MONITOR TFT DE 17", HP 1740 Transferência LeiriaPolis MONITOR TFT DE 17", ASUS MM17D Transferência LeiriaPolis COMPUTADOR PORTÁTIL DELL Transferência LeiriaPolis COMPUTADOR PORTÁTIL ASUS F3JC - ECRÃ DE 15.4" - CPU INTEL CORE 2 DUO T5500, 2MB L2 1.66GHz - 1GB RAM - 100GB HDD WEBCAM 1.3MP Transferência LeiriaPolis ROUTER, LINKSYS ADSL GATEWAY WIRELESS WAG54G DE 4 PORTAS Transferência LeiriaPolis UPS UNITEK ALPHA 500 SX Transferência LeiriaPolis UPS UNITEK ALPHA 500 SX Transferência LeiriaPolis SERVIDOR, HP PROLIANT ML350 Transferência LeiriaPolis CAIXA DE DINHEIRO Transferência LeiriaPolis MOSTRADOR DE VALOR ELECTRÓNICO Transferência LeiriaPolis INTERCOMUNICADOR Transferência LeiriaPolis VALIDADOR DE TICKETS Transferência LeiriaPolis MOSTRADOR DE VALOR DIGITAL Transferência LeiriaPolis TERMINAL, MÁQUINA DE EMISSÃO DE TICKETS DE ENTRADA, ASYTEC TC-31 Transferência LeiriaPolis TERMINAL, MÁQUINA RECEPTADORA DE TICKETS DE SAÍDA, ASYTEC TL-52 Transferência LeiriaPolis CAIXA DE DINHEIRO Transferência LeiriaPolis CAIXA AUTOMÁTICA ASYTEC AK-1440 Transferência LeiriaPolis VALIDADOR DE TICKETS Transferência LeiriaPolis CAIXA AUTOMÁTICA, ASYTEC AK-1440 Transferência LeiriaPolis UPS, APC SMART SU 1000 INET Transferência LeiriaPolis 13

14 UPS, MGE ELLIPSE 375 Transferência LeiriaPolis DRIVE DVD +/- RW HP DVD 630E Transferência LeiriaPolis SOFTWARE DE APLICAÇÃO DE BASE DE DADOS AMBIENTAIS Transferência LeiriaPolis SOFTWARE MICROSOFT WINDOWS SERVER STANDART 2003 Transferência LeiriaPolis SOFTWARE KERIO WINROUTE FIREWALL 6 Transferência LeiriaPolis SOFTWARE MICROSOFT WINDOWS XP PRO PORTUGUÊS Transferência LeiriaPolis SOFTWARE MICROSOFT OFFICE 2003 WIN 32 (10 LICENÇAS) Transferência LeiriaPolis ANTIVIRUS NOD32 Transferência LeiriaPolis CENTRAL TELEFÓNICA, OXO COMPACT UNIT Transferência LeiriaPolis CENTRAL TELEFÓNICA E SERVIDOR DE VOZ COMPACTO, ALCATEL OXO CE Transferência LeiriaPolis MÁQUINA DE MAGNETIZAÇÃO DE LIVROS, 3M 942 BOOKCHECK Transferência LeiriaPolis TELEFONE DIGITAL, ALCATEL 4019 Transferência LeiriaPolis TELEFONE DIGITAL, ALCATEL 4039 Transferência LeiriaPolis TELEFONE ANALÓGICO, ALCATEL THOMSON Transferência LeiriaPolis TELEFONE DIGITAL, ALCATEL 4019 Transferência LeiriaPolis TELEFONE ANALÓGICO, ALCATEL THOMSON Transferência LeiriaPolis TELEFONE DIGITAL, USETEL-AC Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO DE MADEIRA EM FAIA, C/0,89x0,38x2,33 Produzido nas ofícinas ARMÁRIO C/2 PORTAS DE MADEIRA EM FAIA, C/1,38x0,42x0,78 Produzido nas ofícinas ARMÁRIO/ESTANTE DE MADEIRA DE PINHO, C/5 PRATELEIRAS E C/0,80x0,40x1,20 Adquirido antes do inventário inicial ARMÁRIO C/2 PORTAS DE MADEIRA EM FAIA, C/1,38x0,42x0,78 Produzido nas ofícinas ARMÁRIO C/2 PORTAS DE MADEIRA EM FAIA, C/1,38x0,42x0,78 Produzido nas ofícinas ARMÁRIO C/2 PORTAS DE MADEIRA EM FAIA, C/1,38x0,42x0,78 Produzido nas ofícinas ARMÁRIO / ESTANTE DE MADEIRA, C/ 2 PRATELEIRAS, C/ 1,09x0,36x1,19 Produzido nas ofícinas ARMÁRIO DE MADEIRA, C/ 2 PORTAS DE ABRIR EM VIDRO, C/ 1,00x0,40x1,60 Produzido nas ofícinas ARMÁRIO / ESTANTE DE MADEIRA, C/ 2 PRATELEIRAS, C/ 0,89x0,36x1,12 Produzido nas ofícinas ARMÁRIO / ESTANTE DE MADEIRA, C/ 1 PORTA DE ABRIR E 5 PRATELEIRAS, C/ 1,35x0,42x1,60 Produzido nas ofícinas ARMÁRIO DE MADEIRA, C/ 2 PORTAS DE ABRIR, C/ 0,97x0,60x0,75 Produzido nas ofícinas ARMÁRIO / ESTANTE DE MADEIRA, C/ 2 PRATELEIRAS DE CADA LADO, C/ 1,10x0,68x0,85 Produzido nas ofícinas ARMÁRIO / ESTANTE DE MADEIRA, C/ PRATELEIRA DESLIZANTE P/ TECLADO, C/ 0,95x0,60x0,865 Produzido nas ofícinas ARMÁRIO CASTANHO CLARO C/ 2 PORTAS C/ 1,42x0,40x0,78 Produzido nas ofícinas ARMÁRIO DE MADEIRA LACADA DE COR BRANCO, C/ 3 PORTAS DE ABRIR, C/ 1,61x0,52x2,73 Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO PEQUENO DE MADEIRA LACADA DE COR BRANCO, C/ PORTA DE ABRIR, C/ 0,51x0,46x0,48 Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO / ESTANTE EM MADEIRA LACADA DE COR BRANCO, C/ 4 PORTAS DE CADA LADO NA PARTE INFERIOR E 20 PRATELEIRAS, C/ 2,40x0,61x2,74 Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO CINZENTO ALTO C/ 1,70x0,43x0,90m Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO CINZENTO ALTO C/ 1,70x0,43x0,90m Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO CINZENTO ALTO C/ 1,70x0,43x0,90m Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO CINZENTO ALTO C/ 1,70x0,43x0,90m Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO CINZENTO ALTO C/ 1,70x0,43x0,90m Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO CINZENTO ALTO C/ 1,70x0,43x0,90m Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO CINZENTO ALTO C/ 1,70x0,43x0,90m Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO CINZENTO ALTO C/ 1,70x0,43x0,90m Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO CINZENTO ALTO C/ 1,70x0,43x0,90m Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO CINZENTO ALTO C/ 1,70x0,43x0,90m Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO CINZENTO BAIXO C/ 1,60x0,95x0,42m Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO CINZENTO BAIXO C/ 1,60x0,95x0,42m Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO CINZENTO BAIXO C/ 1,60x0,95x0,42m Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO CINZENTO BAIXO C/ 1,60x0,95x0,42m Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO PRETO C/ 1,00x0,45x1,70m Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO PRETO C/ 1,00x0,45x1,70m Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO PRETO C/ 1,00x0,45x1,70m Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO PRETO C/ 1,00x0,45x1,70m Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO PRETO C/ 1,00x0,45x1,70m Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO PRETO C/ 1,00x0,45x1,70m Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO PRETO C/ 1,00x0,45x1,70m Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO PRETO C/ 1,00x0,45x1,70m Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO PRETO C/ 1,00x0,45x1,70m Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO PRETO C/ 1,00x0,45x1,70m Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO PRETO C/ 1,00x0,45x1,70m Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO PRETO C/ 1,00x0,45x1,70m Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO PRETO C/ 1,00x0,45x1,70m Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO PRETO C/ 1,00x0,45x1,70m Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO PRETO C/ 1,00x0,45x1,70m Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO PRETO Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO PRETO Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO PRETO Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO PRETO Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO PRETO Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO PRETO Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO PRETO Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO PRETO Transferência LeiriaPolis BANCO ALTO, METÁLICO INOXIDÁDEL Transferência LeiriaPolis BANCO ALTO, METÁLICO INOXIDÁDEL Transferência LeiriaPolis BANCO ALTO, METÁLICO INOXIDÁDEL Transferência LeiriaPolis BANCO ALTO, METÁLICO INOXIDÁDEL Transferência LeiriaPolis BANCO ALTO, METÁLICO INOXIDÁDEL Transferência LeiriaPolis BANCO ALTO, METÁLICO INOXIDÁDEL Transferência LeiriaPolis BIOMBO DUPLO Transferência LeiriaPolis BLOCO C/3 GAVETAS, EM MADEIRA Adquirido antes do inventário inicial BLOCO C/3 GAVETAS, EM MADEIRA Adquirido antes do inventário inicial 14

15 BLOCO C/3 GAVETAS, EM MADEIRA Adquirido antes do inventário inicial BLOCO C/3 GAVETAS, EM MADEIRA Adquirido antes do inventário inicial BLOCO C/3 GAVETAS, EM MADEIRA Adquirido antes do inventário inicial BLOCO DE 3 GAVETAS, C/ ESTRUTURA EM MADEIRA, C/ 0,59x0,48x0,57 Produzido nas ofícinas BLOCO DE 3 GAVETAS, C/ ESTRUTURA EM MADEIRA, C/ 0,59x0,48x0,57 Produzido nas ofícinas BLOCO DE 3 GAVETAS, C/ ESTRUTURA EM MADEIRA, C/ 0,58x0,48x0,59 Produzido nas ofícinas BLOCO DE 3 GAVETAS, C/ ESTRUTURA EM MADEIRA, C/ 0,58x0,47x0,57 Produzido nas ofícinas CADEIRA C/ RODAS, ESTRUTURA METÁLICA, BRAÇOS, ASSENTO E COSTAS ESTOFADOS E REVESTIDOS EM NAPA CASTANHA Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS ESTOFADOS E REVESTIDOS EM NAPA CASTANHA Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA ESTRUTURA METÁLICA FORRADA A TECIDO VERMELHO Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA ESTRUTURA METÁLICA FORRADA A TECIDO VERMELHO Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA ESTRUTURA METÁLICA FORRADA A TECIDO VERMELHO Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA ESTRUTURA METÁLICA FORRADA A TECIDO VERMELHO Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA ESTRUTURA METÁLICA FORRADA A TECIDO VERMELHO Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA ESTRUTURA METÁLICA FORRADA A TECIDO VERMELHO Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA ESTRUTURA METÁLICA FORRADA A TECIDO VERMELHO Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA ESTRUTURA METÁLICA FORRADA A TECIDO VERMELHO Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA ESTRUTURA METÁLICA FORRADA A TECIDO VERMELHO Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA ESTRUTURA METÁLICA FORRADA A TECIDO VERMELHO Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA C/ RODAS, ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ RODAS, ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO EM COSTAS EM MADEIRA DE COR VERMELHO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO EM COSTAS EM MADEIRA DE COR VERMELHO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO EM COSTAS EM MADEIRA DE COR VERMELHO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO EM COSTAS EM MADEIRA DE COR VERMELHO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO EM COSTAS EM MADEIRA DE COR VERMELHO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO EM COSTAS EM MADEIRA DE COR VERMELHO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO EM COSTAS EM MADEIRA DE COR VERMELHO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO EM COSTAS EM MADEIRA DE COR VERMELHO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA LACADA DE COR VERMELHO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA LACADA DE COR VERMELHO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA LACADA DE COR VERMELHO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA LACADA DE COR VERMELHO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA LACADA DE COR VERMELHO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA LACADA DE COR VERMELHO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA LACADA DE COR VERMELHO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA LACADA DE COR VERMELHO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA LACADA DE COR VERMELHO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA LACADA DE COR VERMELHO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA LACADA DE COR VERMELHO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA LACADA DE COR VERMELHO Transferência LeiriaPolis CADEIRA FIXA PRETA COM BRAÇOS Transferência LeiriaPolis CADEIRA FIXA PRETA COM BRAÇOS Transferência LeiriaPolis CADEIRA FIXA PRETA COM BRAÇOS Transferência LeiriaPolis CADEIRA FIXA PRETA COM BRAÇOS Transferência LeiriaPolis CADEIRA FIXA PRETA COM BRAÇOS Transferência LeiriaPolis CADEIRA FIXA PRETA COM BRAÇOS Transferência LeiriaPolis CADEIRA FIXA PRETA COM BRAÇOS Transferência LeiriaPolis CADEIRA FIXA PRETA COM BRAÇOS Transferência LeiriaPolis CADEIRA FIXA PRETA COM BRAÇOS Transferência LeiriaPolis CADEIRA FIXA PRETA COM BRAÇOS Transferência LeiriaPolis CADEIRA FIXA PRETA COM BRAÇOS Transferência LeiriaPolis CADEIRA FIXA PRETA COM BRAÇOS Transferência LeiriaPolis CADEIRA FIXA PRETA COM BRAÇOS Transferência LeiriaPolis CADEIRA FIXA PRETA COM BRAÇOS Transferência LeiriaPolis CADEIRA FIXA PRETA COM BRAÇOS Transferência LeiriaPolis CADEIRA FIXA PRETA COM BRAÇOS Transferência LeiriaPolis CADEIRA FIXA PRETA COM BRAÇOS Transferência LeiriaPolis CADEIRA FIXA PRETA COM BRAÇOS Transferência LeiriaPolis CADEIRA FIXA PRETA COM BRAÇOS Transferência LeiriaPolis CADEIRA FIXA PRETA COM BRAÇOS Transferência LeiriaPolis CADEIRA FIXA VERMELHA COM BRAÇOS Transferência LeiriaPolis CADEIRA FIXA VERMELHA COM BRAÇOS Transferência LeiriaPolis CADEIRA FIXA VERMELHA COM BRAÇOS Transferência LeiriaPolis CADEIRA FIXA VERMELHA COM BRAÇOS Transferência LeiriaPolis CADEIRA FIXA VERMELHA COM BRAÇOS Transferência LeiriaPolis CADEIRA FIXA VERMELHA COM BRAÇOS Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ SUPORTE P/ ESCREVER, ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ SUPORTE P/ ESCREVER, ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ SUPORTE P/ ESCREVER, ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ SUPORTE P/ ESCREVER, ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ SUPORTE P/ ESCREVER, ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ SUPORTE P/ ESCREVER, ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ SUPORTE P/ ESCREVER, ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ SUPORTE P/ ESCREVER, ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ SUPORTE P/ ESCREVER, ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ SUPORTE P/ ESCREVER, ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis 15

16 CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA DE COR PRETO Transferência LeiriaPolis CADEIRA GIRATÓRIA VERMELHA Transferência LeiriaPolis CADEIRA GIRATÓRIA VERMELHA Transferência LeiriaPolis CADEIRA GIRATÓRIA VERMELHA Transferência LeiriaPolis CADEIRA GIRATÓRIA VERMELHA Transferência LeiriaPolis CADEIRA GIRATÓRIA VERMELHA Transferência LeiriaPolis CADEIRA GIRATÓRIA VERMELHA Transferência LeiriaPolis CADEIRA GIRATÓRIA VERMELHA Transferência LeiriaPolis CADEIRA GIRATÓRIA VERMELHA Transferência LeiriaPolis CADEIRA GIRATÓRIA VERMELHA Transferência LeiriaPolis CADEIRA GIRATÓRIA VERMELHA Transferência LeiriaPolis CADEIRA GIRATÓRIA VERMELHA Transferência LeiriaPolis CADEIRA GIRATÓRIA PRETA Transferência LeiriaPolis CADEIRA FIXA PRETA SEM BRAÇOS Transferência LeiriaPolis COFRE 1,20x0,60x0,55 Transferência LeiriaPolis COFRE ESSELT Transferência LeiriaPolis COFRE ESSELT Transferência LeiriaPolis COFRE REXEL PR Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO ESTANTE DE MADEIRA EM FAIA, C/0,60x0,35x1,92 Produzido nas ofícinas ARMÁRIO ESTANTE DE MADEIRA EM FAIA, C/0,75x0,35x1,92 Produzido nas ofícinas ARMÁRIO ESTANTE DE MADEIRA EM FAIA, C/0,92x0,35x1,93 Adquirido antes do inventário inicial ESTANTE DE MADEIRA, C/ VÁRIAS PRATELEIRAS, C/ 0,59x0,75x1,14 Produzido nas ofícinas ESTANTE DE MADEIRA LACADA DE COR BRANCO, C/ 36 PRATELEIRAS, C/ 2,49x0,31x3,41 Transferência LeiriaPolis ESTANTE DE MÓDULOS QUADRANGULARES, EM MADEIRA LACADA DE COR BRANCO, C/ 4,74x0,36x2,39 Transferência LeiriaPolis ESTANTE / EXPOSITOR DE MÓDULOS QUADRANGULARES, C/ ESTRUTURA METÁLICA E EM MADEIRA LACADA DE COR BRANCO Transferência LeiriaPolis ESTANTE / EXPOSITOR DE MÓDULOS QUADRANGULARES, C/ ESTRUTURA METÁLICA E EM MADEIRA LACADA DE COR BRANCO Transferência LeiriaPolis ESTANTE METÁLICA C/ 5 PRATELEIRAS C/ 1,90x0,90x0,30m Transferência LeiriaPolis ESTANTE METÁLICA C/ 5 PRATELEIRAS C/ 1,90x0,90x0,30m Transferência LeiriaPolis MESA P/ COMPUTADOR, EM MADEIRA LACADA DE COR BRANCO, C/ 1,66x0,65x0,75 Transferência LeiriaPolis MESA P/ COMPUTADOR, EM MADEIRA LACADA DE COR BRANCO, C/ 1,66x0,65x0,75 Transferência LeiriaPolis MESA P/ COMPUTADOR, EM MADEIRA LACADA DE COR BRANCO, C/ 1,66x0,65x0,75 Transferência LeiriaPolis MESA P/ COMPUTADOR, EM MADEIRA LACADA DE COR BRANCO, C/ 0,70x0,65x1,00 Transferência LeiriaPolis MESA P/ COMPUTADOR, EM MADEIRA LACADA DE COR BRANCO, C/ 0,70x0,65x1,00 Transferência LeiriaPolis MESA P/ COMPUTADOR, EM MADEIRA LACADA DE COR BRANCO, C/ 0,70x0,65x1,00 Transferência LeiriaPolis MESA REDONDA DE REUNIÃO C/ 1,00x0,745m Transferência LeiriaPolis MESA REDONDA DE REUNIÃO C/ 1,00x0,745m Transferência LeiriaPolis MESA REDONDA DE REUNIÃO C/ 1,00x0,745m Transferência LeiriaPolis MESA DE TRABALHO, EM MADEIRA LACADA DE COR PRETO, C/ 1,20x1,00x0,75, C/ 2 SEPARADORES AMOVÍVEIS EM MADEIRA LACADA DE COR VERMELHO Transferência LeiriaPolis MESA DE TRABALHO, EM MADEIRA LACADA DE COR PRETO, C/ 1,20x1,00x0,75, C/ 2 SEPARADORES AMOVÍVEIS EM MADEIRA LACADA DE COR VERMELHO Transferência LeiriaPolis MESA DE MADEIRA, C/ PERNAS METÁLICAS REBATÍVEIS, C/ 1,60x0,60x0,79 Produzido nas ofícinas MESA DE MADEIRA, C/ PERNAS METÁLICAS REBATÍVEIS, C/ 1,60x0,60x0,79 Produzido nas ofícinas MESA DE MADEIRA, C/ PERNAS METÁLICAS REBATÍVEIS, C/ 1,60x0,60x0,79 Produzido nas ofícinas MESA DE MADEIRA, C/ PERNAS METÁLICAS REBATÍVEIS, C/ 1,60x0,60x0,79 Produzido nas ofícinas MESA DE REUNIÃO, C/ ESTRUTURA METÁLICA E TAMPO EM MADEIRA, C/ 1,60x0,80x0,72 Transferência LeiriaPolis MESA DE REUNIÃO, C/ ESTRUTURA METÁLICA E TAMPO EM MADEIRA, C/ 1,60x0,80x0,72 Transferência LeiriaPolis MESA DE REUNIÃO C/ 1,80x0,90x0,742m Transferência LeiriaPolis MESA DE REUNIÃO C/ 1,80x0,90x0,742m Transferência LeiriaPolis PLACARD EM CORTICITE, C/ MOLDURA DE MADEIRA, C/ 1,04x0,79 Produzido nas ofícinas PLACARD EM CORTICITE, C/ MOLDURA DE MADEIRA, C/ 1,04x0,95 Produzido nas ofícinas PLACARD EM CORTICITE, C/ MOLDURA DE MADEIRA, C/ 1,04x1,74 Produzido nas ofícinas PLACARD EM CORTICITE, C/ MOLDURA DE MADEIRA, C/ 1,87x1,04 Produzido nas ofícinas PLACARD EM CORTICITE, C/ MOLDURA DE MADEIRA, C/ 0,95x1,04 Produzido nas ofícinas 16

17 ESTRUTURA EXPOSITIVA, C/ CAVALETE E PLACARD EM MADEIRA Produzido nas ofícinas ESTRUTURA EXPOSITIVA, C/ CAVALETE E PLACARD EM MADEIRA E VIDRO Produzido nas ofícinas EXPOSITOR C/ BASE EM GRANITO, ESTRUTURA METÁLICA, MADEIRA LACADA DE COR BRANCO E ACRÍLICO, C/ 1,02x0,41x2,13 Transferência LeiriaPolis EXPOSITOR C/ BASE EM GRANITO, ESTRUTURA METÁLICA, MADEIRA LACADA DE COR BRANCO E ACRÍLICO, C/ 1,02x0,41x2,13 Transferência LeiriaPolis EXPOSITOR C/ BASE EM GRANITO, ESTRUTURA METÁLICA, MADEIRA LACADA DE COR BRANCO E ACRÍLICO, C/ 1,02x0,41x2,13 Transferência LeiriaPolis EXPOSITOR C/ BASE EM GRANITO, ESTRUTURA METÁLICA, MADEIRA LACADA DE COR BRANCO E ACRÍLICO, C/ 1,02x0,41x2,13 Transferência LeiriaPolis EXPOSITOR C/ BASE EM GRANITO, ESTRUTURA METÁLICA, MADEIRA LACADA DE COR BRANCO E ACRÍLICO, C/ 1,02x0,41x2,13 Transferência LeiriaPolis EXPOSITOR C/ BASE EM GRANITO, ESTRUTURA METÁLICA, MADEIRA LACADA DE COR BRANCO E ACRÍLICO, C/ 1,02x0,41x2,13 Transferência LeiriaPolis EXPOSITOR C/ BASE EM GRANITO, ESTRUTURA METÁLICA, MADEIRA LACADA DE COR BRANCO E ACRÍLICO, C/ 1,02x0,41x2,13 Transferência LeiriaPolis EXPOSITOR C/ BASE EM GRANITO, ESTRUTURA METÁLICA, MADEIRA LACADA DE COR BRANCO E ACRÍLICO, C/ 1,02x0,41x2,13 Transferência LeiriaPolis EXPOSITOR C/ BASE EM GRANITO, ESTRUTURA METÁLICA, MADEIRA LACADA DE COR BRANCO E ACRÍLICO, C/ 1,02x0,41x2,13 Transferência LeiriaPolis QUADRO DE CORTIÇA C/ 0,60x0,90m R.172 Transferência LeiriaPolis QUADRO DE CORTIÇA C/ 0,60x0,90m Transferência LeiriaPolis PLACARD EM CORTICITE C/ MOLDURA DE MADEIRA, C/ 1,74x1,04 Produzido nas ofícinas PLACARD EM CORTICITE C/ MOLDURA DE MADEIRA, C/ 1,20x1,20 Produzido nas ofícinas PLACARD EM CORTICITE C/ MOLDURA DE MADEIRA, C/ 1,74x1,04 Produzido nas ofícinas PLACARD EM CORTICITE, C/ MOLDURA DE MADEIRA, C/ 1,04x0,95 Produzido nas ofícinas PLACARD EM CORTICITE, C/ MOLDURA DE MADEIRA, C/ 1,04x0,915 Produzido nas ofícinas PLACARD EM MADEIRA LACADA BRANCA, C/ 1,20x0,90 Produzido nas ofícinas PLACARD EM CORTICITE, C/ MOLDURA DE MADEIRA, C/ 1,17x1,04 Produzido nas ofícinas SECRETÁRIA DE MADEIRA, C/ 1,60x0,70x0,77 Produzido nas ofícinas SECRETÁRIA DE MADEIRA, C/ 1,70x0,80x0,76 Produzido nas ofícinas SECRETÁRIA EM MADEIRA C/1,70x0,80x075 Adquirido antes do inventário inicial SECRETÁRIA EM MADEIRA C/1,70x0,80x075 Adquirido antes do inventário inicial SECRETÁRIA EM MADEIRA C/1,70x0,80x075 Adquirido antes do inventário inicial SECRETÁRIA EM MADEIRA C/1,70x0,80x075 Adquirido antes do inventário inicial SECRETÁRIA EM MADEIRA C/1,70x0,80x075 Adquirido antes do inventário inicial SECRETÁRIA C/ 1,60x0,80x0,742m, C/ MÓDULO DE GAVETAS Transferência LeiriaPolis SECRETÁRIA C/ 1,60x0,80x0,742m, C/ MÓDULO DE GAVETAS Transferência LeiriaPolis SECRETÁRIA C/ 1,60x0,80x0,742m, C/ MÓDULO DE GAVETAS Transferência LeiriaPolis SECRETÁRIA C/ 1,60x0,80x0,742m, C/ MÓDULO DE GAVETAS Transferência LeiriaPolis SECRETÁRIA C/ 1,60x0,80x0,742m, C/ MÓDULO DE GAVETAS Transferência LeiriaPolis SECRETÁRIA C/ 1,60x0,80x0,742m, C/ MÓDULO DE GAVETAS Transferência LeiriaPolis SECRETÁRIA C/ 1,60x0,80x0,742m, C/ MÓDULO DE GAVETAS Transferência LeiriaPolis SECRETÁRIA C/ 1,60x0,80x0,742m, C/ MÓDULO DE GAVETAS Transferência LeiriaPolis SECRETÁRIA C/ 1,60x0,80x0,742m, C/ MÓDULO DE GAVETAS Transferência LeiriaPolis SECRETÁRIA C/ 1,60x0,80x0,742m, C/ MÓDULO DE GAVETAS Transferência LeiriaPolis SECRETÁRIA C/ 1,60x0,80x0,742m, C/ MÓDULO DE GAVETAS Transferência LeiriaPolis SECRETÁRIA C/ 1,60x0,80x0,742m, C/ MÓDULO DE GAVETAS Transferência LeiriaPolis SECRETÁRIA EM MADEIRA C/1,69x0,79x076 Produzido nas ofícinas SECRETÁRIA DE MADEIRA, C/ 1,99x0,90x0,765 Produzido nas ofícinas SECRETÁRIA P/ COMPUTADOR, C/ RODAS, EM MADEIRA, C/ 0,70x0,60x,77 Produzido nas ofícinas SECRETÁRIA C/ ESTRUTURA METÁLICA E MADEIRA LACADA DE COR BRANCO, C/ TAMPO DE VIDRO, C/ 1,96x0,85x0,76 Transferência LeiriaPolis SOFÁ PRETO INDIVIDUAL C/ 0,60x0,60x0,765m Transferência LeiriaPolis SOFÁ PRETO INDIVIDUAL C/ 0,60x0,60x0,765m Transferência LeiriaPolis SOFÁ PRETO DUPLO C/ 1,20x0,60x0,765m Transferência LeiriaPolis MÓDULO P/ COMPUTADOR, EM MADEIRA LACADA DE COR BRANCO, C/ 0,46x0,26x0,46 Transferência LeiriaPolis MÓDULO P/ COMPUTADOR, EM MADEIRA LACADA DE COR BRANCO, C/ 0,46x0,26x0,46 Transferência LeiriaPolis MÓDULO P/ COMPUTADOR, EM MADEIRA LACADA DE COR BRANCO, C/ 0,46x0,26x0,46 Transferência LeiriaPolis MÓDULO P/ COMPUTADOR, C/ BASE EM GRANITO, ESTRUTURA METÁLICA E MADEIRA LACADA DE COR BRANCO, C/ 1,01x0,41x1,36 Transferência LeiriaPolis MÓDULO P/ IMPRESSORA, C/ ESTRUTURA EM MADEIRA LACADA DE COR BRANCO, C/ 0,81x0,42x0,99 Transferência LeiriaPolis CHAVEIRO EM MADEIRA, C/ 2 PORTAS DE CORRER EM VIDRO, C/ 1,00x0,90x0,10 Produzido nas ofícinas CHAVEIRO METÁLICO, C/ 1 PORTA DE ABRIR, C/ 0,53x0,315x0,05 Produzido nas ofícinas CANTO DE SECRETARIA, EM MADEIRA, C/ 0,80x0,78x0,765 Produzido nas ofícinas QUADRO BRANCO C/SUPORTE DE METAL C/0,86x1,5 Adquirido antes do inventário inicial BALCÃO DE MADEIRA, C/ PARTE FRONTAL EM VIDRO, C/ 1,82x0,41x1,69 Transferência LeiriaPolis PAPELEIRA DE MADEIRA, C/ 0,45x0,245x0,54 Produzido nas ofícinas BALCÃO DE MADEIRA, C/ 1,14x0,53x0,97 Produzido nas ofícinas TELA BRANCA PARA RETROPROJECÇÃO DE ESTRUTURA METÁLICA PRETA, C/ TRIPÉ E C/1,80x1,95 Adquirido antes do inventário inicial CHAVEIRO Transferência LeiriaPolis MESA DE APOIO A AUDIOVISUAIS, C/ RODAS, ESTRUTURA METÁLICA E PLÁSTICO VERMELHO, C/ 3 GAVETAS Transferência LeiriaPolis MÁQUINA DE ENCADERNAR PB 300-STARLET Transferência LeiriaPolis MÁQUINA DE DESTRUIR PAPEL PSE Transferência LeiriaPolis GUILHOTINA MAN. NEOLT TRIM 130 Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO DE PAREDE, EM MADEIRA LACADA DE COR BRANCO, C/ 7 PORTAS DE ABRIR, C/ 4,21x0,36x0,60 Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO DE BANCADA, EM MADEIRA LACADA DE COR BRANCO, C/ 8 PORTAS DE ABRIR, C/ 4,96x0,46x0,58 Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO C/ ESTRUTURA DE MADEIRA DE LACADA DE COR BRANCO, C/ PORTA DE CORRER VERTICALMENTE, C/ 1,00x0,45x1,98 Transferência LeiriaPolis BANCADA C/ ESTRUTURA METÁLICA DE COR VERMELHO E MADEIRA LACADA DE COR BRANCO, C/ TAMPO REVESTIDO EM VIDRO, C/ 1,20x0,60x0,91 Transferência LeiriaPolis BANCADA C/ ESTRUTURA METÁLICA DE COR VERMELHO E MADEIRA LACADA DE COR BRANCO, C/ TAMPO REVESTIDO EM VIDRO, C/ 1,20x0,60x0,91 Transferência LeiriaPolis BANCADA C/ ESTRUTURA METÁLICA DE COR VERMELHO E MADEIRA LACADA DE COR BRANCO, C/ TAMPO REVESTIDO EM VIDRO, C/ 1,20x0,60x0,91 Transferência LeiriaPolis MESA DE TRABALHO, C/ ESTRUTURA METÁLICA E TAMPO EM MADEIRA, C/ 1,80x0,80x0,81 Transferência LeiriaPolis MICROSCÓPIO BINOCULAR, URA TECHNIC XSZ-107BN Transferência LeiriaPolis MICROSCÓPIO BINOCULAR, URA TECHNIC XSZ-107BN Transferência LeiriaPolis MICROSCÓPIO BINOCULAR, URA TECHNIC XSZ-107BN Transferência LeiriaPolis MÓDULO C/ RODAS, ESTRUTURA EM MADEIRA LACADA DE COR BRANCO, 4 GAVETAS, C/ 0,54x0,45x0,72 Transferência LeiriaPolis MÓDULO C/ RODAS, ESTRUTURA EM MADEIRA LACADA DE COR BRANCO, 4 GAVETAS, C/ 0,54x0,45x0,72 Transferência LeiriaPolis MÓDULO C/ RODAS, ESTRUTURA EM MADEIRA LACADA DE COR BRANCO, 4 GAVETAS, C/ 0,54x0,45x0,72 Transferência LeiriaPolis MÓDULO C/ RODAS, ESTRUTURA EM MADEIRA LACADA DE COR BRANCO, 1 PORTA DE ABRIR, C/ 0,54x0,45x0,72 Transferência LeiriaPolis MÓDULO C/ RODAS, ESTRUTURA EM MADEIRA LACADA DE COR BRANCO, 1 PORTA DE ABRIR, C/ 0,54x0,45x0,72 Transferência LeiriaPolis 17

18 MÓDULO C/ RODAS, ESTRUTURA EM MADEIRA LACADA DE COR BRANCO, 1 PORTA DE ABRIR, C/ 0,54x0,45x0,72 Transferência LeiriaPolis BANCO PEQUENO, C/ RODAS E ESTRUTURA METÁLICA INOXIDÁVEL Transferência LeiriaPolis BANCO PEQUENO, C/ RODAS E ESTRUTURA METÁLICA INOXIDÁVEL Transferência LeiriaPolis BANCO PEQUENO, C/ RODAS E ESTRUTURA METÁLICA INOXIDÁVEL Transferência LeiriaPolis BANCO PEQUENO, C/ RODAS E ESTRUTURA METÁLICA INOXIDÁVEL Transferência LeiriaPolis CANDEEIRO ARTICULÁVEL, METÁLICO INOXIDÁVEL Transferência LeiriaPolis CANDEEIRO ARTICULÁVEL, METÁLICO INOXIDÁVEL Transferência LeiriaPolis CANDEEIRO ARTICULÁVEL, METÁLICO INOXIDÁVEL Transferência LeiriaPolis CANDEEIRO ARTICULÁVEL, METÁLICO INOXIDÁVEL Transferência LeiriaPolis CANDEEIRO ARTICULÁVEL, METÁLICO INOXIDÁVEL Transferência LeiriaPolis SONÓMETRO, CESVA SC310 (C/ MALA DE TRANSPORTE ROBUSTA) Transferência LeiriaPolis CALIBRADOR SONORO MULTI-NÍVEL, CLASSE 1 Transferência LeiriaPolis KIT DE EXTERIORES P/ MONITORIZAÇÕES Transferência LeiriaPolis MALA DE TRANSPORTE ROBUSTA (P/ SONÓMETRO) Transferência LeiriaPolis ESTAÇÃO DA QUALIDADE DA ÁGUA, EQUIPADA C/ SONDA PARAMÉTRICA E SONDA DE TURVAÇÃO Transferência LeiriaPolis ESTAÇÃO METEOROLÓGICA, EQUIPADA C/ SENSOR DE TEMPERATURA E HUMIDADE RELATIVA, SENSOR DE DIRECÇÃO E VELOCIDADE DO VENTO E SENSOR DE PRECIPITAÇÃO Transferência LeiriaPolis FOTÓMETRO, PF MN (C/ MALA) Transferência LeiriaPolis MÁQUINA FOTOGRÁFICA Transferência LeiriaPolis TRIPÉ, JESSOPS TP320 Transferência LeiriaPolis UNIDADE DE MARCAÇÃO, MILLENIUM 3 (RELÓGIO DE PONTO) Adquirido antes do inventário inicial RELÓGIO DE PONTO MILLENIUM Adquirido antes do inventário inicial UNIDADE DE MARCAÇÃO, MILLENIUM 3 (RELÓGIO DE PONTO) Adquirido antes do inventário inicial BALANÇA DE PRATOS, C/ PESOS EM COBRE Adquirido antes do inventário inicial BALANÇA DECIMAL, C/ PESO DE 10 KG Adquirido antes do inventário inicial BALANÇA ELECTRÓNICA 2KG CZ Transferência LeiriaPolis MALA DE PRIMEIROS SOCORROS, MULTI SERVICE Adquirido antes do inventário inicial ARMÁRIO DE PRIMEIROS SOCORROS, EM MADEIRA, C/ PORTA DE ABRIR EM VIDRO, C/ 0,50x0,30x,16 Produzido nas ofícinas ARMÁRIO DE PRIMEIROS SOCORROS, EM MADEIRA, C/ PORTA DE ABRIR EM VIDRO, C/ 0,50x0,30x0,16 Produzido nas ofícinas ARMÁRIO DE PRIMEIROS SOCORROS, EM MADEIRA, C/ PORTA DE ABRIR EM VIDRO, C/ 0,50x0,30x0,18 Produzido nas ofícinas ARMÁRIO DE PRIMEIROS SOCORROS, EM MADEIRA, C/ PORTA DE ABRIR EM VIDRO, C/ 0,50x0,30x0,16 Produzido nas ofícinas ARMÁRIO DE PRIMEIROS SOCORROS, EM MADEIRA, C/ PORTA DE ABRIR EM VIDRO, C/ 0,50x0,30x0,16 Produzido nas ofícinas ARMÁRIO DE PRIMEIROS SOCORROS, EM MADEIRA, C/ PORTA DE ABRIR EM VIDRO, C/ 0,50x0,30x0,16 Produzido nas ofícinas ARMÁRIO PLÁSTICO DE COR PRETO, C/ 2 PORTAS DE ABRIR, C/ 0,76x0,38x0,48 Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO PLÁSTICO DE COR PRETO, C/ 2 PORTAS DE ABRIR, C/ 0,76x0,38x0,48 Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO PLÁSTICO DE COR PRETO, C/ 2 PORTAS DE ABRIR, C/ 0,76x0,38x0,48 Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO PLÁSTICO DE COR LARANJA, C/ 2 PORTAS DE ABRIR, C/ 0,76x0,38x0,48 Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO PLÁSTICO DE COR LARANJA, C/ 2 PORTAS DE ABRIR, C/ 0,76x0,38x0,48 Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO PLÁSTICO DE COR LARANJA, C/ 2 PORTAS DE ABRIR, C/ 0,76x0,38x0,48 Transferência LeiriaPolis BALIZA DE ANDEBOL DE EXTERIOR EM FERRO Adquirido antes do inventário inicial BALIZA DE ANDEBOL DE EXTERIOR EM FERRO Adquirido antes do inventário inicial CADEIRÃO FORRADO A NAPA CASTANHA Adquirido antes do inventário inicial CADEIRÃO FORRADO A NAPA CASTANHA Adquirido antes do inventário inicial DIVISÓRIA AMOVÍVEL CONSTÍTUIDA POR 17 MÓDULOS, 3 PORTAS E 1 PORTÃO, C/ 61,58M Produzido nas ofícinas PALCO C/ COBERTURA, C/ 6,00x7,40 Adquirido antes do inventário inicial MAPA PLASTIFICADO ACTIVO DO MUNDO Adquirido antes do inventário inicial MAPA PLASTIFICADO ACTIVO DO MUNDO Adquirido antes do inventário inicial MAPA PLASTIFICADO ACTIVO DO MUNDO Adquirido antes do inventário inicial MAPA PLASTIFICADO ACTIVO DO MUNDO Adquirido antes do inventário inicial MAPA PLASTIFICADO ACTIVO DO MUNDO Adquirido antes do inventário inicial MAPA PLASTIFICADO ACTIVO DO MUNDO Adquirido antes do inventário inicial MAPA PLASTIFICADO ACTIVO DO MUNDO Adquirido antes do inventário inicial MAPA PLASTIFICADO ACTIVO DO MUNDO Adquirido antes do inventário inicial MAPA PLASTIFICADO ACTIVO DO MUNDO Adquirido antes do inventário inicial MAPA PLASTIFICADO ACTIVO DO MUNDO Adquirido antes do inventário inicial MAPA PLASTIFICADO ACTIVO DO MUNDO Adquirido antes do inventário inicial MAPA PLASTIFICADO ACTIVO DO MUNDO Adquirido antes do inventário inicial MAPA PLASTIFICADO ACTIVO DO MUNDO Adquirido antes do inventário inicial MAPA DO CORPO HUMANO Adquirido antes do inventário inicial MAPA DO CORPO HUMANO Adquirido antes do inventário inicial MAPA DO CORPO HUMANO Adquirido antes do inventário inicial MAPA DO CORPO HUMANO Adquirido antes do inventário inicial MAPA DE PORTUGAL Adquirido antes do inventário inicial MAPA DE PORTUGAL Adquirido antes do inventário inicial MAPA DE PORTUGAL Adquirido antes do inventário inicial MAPA DE PORTUGAL Adquirido antes do inventário inicial MAPA DE PORTUGAL Adquirido antes do inventário inicial MAPA DE PORTUGAL Adquirido antes do inventário inicial MAPA DE PORTUGAL Adquirido antes do inventário inicial MAPA DE PORTUGAL Adquirido antes do inventário inicial MAPA DE PORTUGAL Adquirido antes do inventário inicial MAPA DE PORTUGAL Adquirido antes do inventário inicial MAPA DE PORTUGAL Adquirido antes do inventário inicial MAPA DE PORTUGAL Adquirido antes do inventário inicial MAPA DE PORTUGAL Adquirido antes do inventário inicial PLANISFÉRIO POLÍTICO Adquirido antes do inventário inicial MAPA DA EUROPA Adquirido antes do inventário inicial MAPA DA EUROPA Adquirido antes do inventário inicial MAPA DA EUROPA Adquirido antes do inventário inicial MAPA DO MUNDO Adquirido antes do inventário inicial MAPA DE PORTUGAL CONTINENTAL E REGIÕES AUTÓNOMAS Adquirido antes do inventário inicial 18

19 MAPA DE PORTUGAL CONTINENTAL E REGIÕES AUTÓNOMAS Adquirido antes do inventário inicial MAPA DE PORTUGAL CONTINENTAL E REGIÕES AUTÓNOMAS Adquirido antes do inventário inicial MAPA DE PORTUGAL CONTINENTAL Adquirido antes do inventário inicial MAPA DE PORTUGAL CONTINENTAL Adquirido antes do inventário inicial MAPA DE PORTUGAL CONTINENTAL Adquirido antes do inventário inicial MAPA DA UNIÃO EUROPEIA - ESTADOS MEMBROS E PAÍSES CANDIDATOS Adquirido antes do inventário inicial MAPA DA UNIÃO EUROPEIA - ESTADOS MEMBROS E PAÍSES CANDIDATOS Adquirido antes do inventário inicial MAPA DA UNIÃO EUROPEIA - ESTADOS MEMBROS E PAÍSES CANDIDATOS Adquirido antes do inventário inicial MAPA DA UNIÃO EUROPEIA - ESTADOS MEMBROS E PAÍSES CANDIDATOS Adquirido antes do inventário inicial MAPA DA UNIÃO EUROPEIA - ESTADOS MEMBROS E PAÍSES CANDIDATOS Adquirido antes do inventário inicial MAPA DA UNIÃO EUROPEIA - ESTADOS MEMBROS E PAÍSES CANDIDATOS Adquirido antes do inventário inicial MAPA DO CORPO HUMANO Adquirido antes do inventário inicial MAPA REGIÃO AUTÓNIMA DA MADEIRA Adquirido antes do inventário inicial MAPA REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES Adquirido antes do inventário inicial PLANISFÉRIO POLÍTICO (PAÍSES DO MUNDO) Adquirido antes do inventário inicial MAPA DE PORTUGAL ADMINISTRATIVO Adquirido antes do inventário inicial MAPA DE PORTUGAL FÍSICO (PLANO) Adquirido antes do inventário inicial MAPA DE PORTUGAL FÍSICO (RELEVO) Adquirido antes do inventário inicial MAPA FÍSICO DA PENÍNSULA IBÉRICA Adquirido antes do inventário inicial MAPA DA REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA - FÍSICO E POLÍTICO Adquirido antes do inventário inicial CONJUNTO DE MAPAS DA UNIÃO EUROPEIA, ESTADOS MEMBROS E PAÍSES CANDIDATOS Adquirido antes do inventário inicial CONJUNTO DE MAPAS DA UNIÃO EUROPEIA, ESTADOS MEMBROS E PAÍSES CANDIDATOS Adquirido antes do inventário inicial MAPA PAÍSES DO MUNDO Adquirido antes do inventário inicial DIVERSO MATERIAL DIDÁCTICO CONFORME RELAÇÃO ANEXA Adquirido antes do inventário inicial DIVERSO MATERIAL DIDÁCTICO CONFORME RELAÇÃO ANEXA Adquirido antes do inventário inicial DIVERSO MATERIAL DIDÁCTICO CONFORME RELAÇÃO ANEXA Adquirido antes do inventário inicial DIVERSO MATERIAL DIDÁCTICO CONFORME RELAÇÃO ANEXA Adquirido antes do inventário inicial DIVERSO MATERIAL DIDÁCTICO CONFORME RELAÇÃO ANEXA Adquirido antes do inventário inicial DIVERSO MATERIAL DIDÁCTICO CONFORME RELAÇÃO ANEXA Adquirido antes do inventário inicial DIVERDO MATERIAL DIDÁCTICO CONFORME RELAÇÃO ANEXA Adquirido antes do inventário inicial DIVERDO MATERIAL DIDÁCTICO CONFORME RELAÇÃO ANEXA Adquirido antes do inventário inicial DIVERSO MATERIAL DIDÁCTICO CONFORME RELAÇÃO ANEXA Adquirido antes do inventário inicial DIVERSO MATERIAL DIDÁCTICO CONFORME RELAÇÃO ANEXA Adquirido antes do inventário inicial DIVERSO MATERIAL DIDÁCTICO CONFORME RELAÇÃO ANEXA Adquirido antes do inventário inicial DIVERSO MATERIAL DIDÁCTICO CONFORME RELAÇÃO ANEXA Adquirido antes do inventário inicial QUADRO ESCOLAR PORCELÂNICO, C/ MOLDURA EM ALUMÍNIO, C/ 1,20x0,90 Transferência LeiriaPolis PAINEL DE CORTICITE COM MOLDURA EM MADEIRA Produzido nas ofícinas PAINEL DE CORTICITE COM MOLDURA EM MADEIRA - 1,87x1,03m Produzido nas ofícinas PAINEL DE CORTICITE COM MOLDURA EM MADEIRA - 1,87x1,03m Produzido nas ofícinas PLACARD DE CORTICITE C/0,60x0,40 Produzido nas ofícinas PLACARD DE CORTICITE C/1,00x1,85 Produzido nas ofícinas PLACARD DE CORTICITE C/ 1,00x0,95m Produzido nas ofícinas PLACARD DE CORTICITE C/ 1,00x0,95m Produzido nas ofícinas PLACARD DE CORTICITE C/ 1,00x0,95m Produzido nas ofícinas PLACARD DE CORTICITE C/ 2,20x1,04m Produzido nas ofícinas PLACARD DE CORTICITE C/ 1,00x0,95m Produzido nas ofícinas PLACARD DE CORTICITE C/ 1,90x0,95m Produzido nas ofícinas PLACARD DE CORTICITE C/ 1,95x0,95m Produzido nas ofícinas PLACARD CORTICITE C/ 1,87x1,02m Produzido nas ofícinas PLACARD CORTICITE C/ 1,87x1,02m Produzido nas ofícinas PLACARD CORTICITE C/ 1,87x1,02m Produzido nas ofícinas PLACARD DE CORTICITE C/ 1,00x0,95m Produzido nas ofícinas PLACARD DE CORTICITE C/ 1,90x0,95m Produzido nas ofícinas PLACARD DE CORTICITE C/ 1,87x1,04m Produzido nas ofícinas PLACARD DE CORTICITE C/ 1,87x1,04m Produzido nas ofícinas PLACARD DE CORTICITE C/ 1,87x1,04m Produzido nas ofícinas PLACARD DE CORTICITE C/ 1,87x1,04m Produzido nas ofícinas PLACARD DE CORTICITE C/ 1,87x1,04m Produzido nas ofícinas PLACARD DE CORTICITE C/ 1,87x1,04m Produzido nas ofícinas PAINEL DE CORTICITE COM MOLDURA EM MADEIRA - 1,87x1,03m Produzido nas ofícinas PAINEL DE CORTICITE COM MOLDURA EM MADEIRA - 1,87x1,03m Produzido nas ofícinas PAINEL DE CORTICITE COM MOLDURA EM MADEIRA - 1,87x1,03m Produzido nas ofícinas PAINEL DE CORTICITE COM MOLDURA EM MADEIRA - 1,00x0,90m Produzido nas ofícinas MESA INFANTIL C/ PORTA LÁPIS, ESTRUTURA EM PLÁSTICO E TAMPO EM MADEIRA Transferência LeiriaPolis MESA INFANTIL C/ PORTA LÁPIS, ESTRUTURA EM PLÁSTICO E TAMPO EM MADEIRA Transferência LeiriaPolis MESA INFANTIL C/ PORTA LÁPIS, ESTRUTURA EM PLÁSTICO E TAMPO EM MADEIRA Transferência LeiriaPolis CADEIRA P/ MESA INFANTIL, C/ ESTRUTURA, ASSENTO E COSTAS EM ESFEROVITE PRENSADO DE COR VERDE Transferência LeiriaPolis CADEIRA P/ MESA INFANTIL, C/ ESTRUTURA, ASSENTO E COSTAS EM ESFEROVITE PRENSADO DE COR VERDE Transferência LeiriaPolis CADEIRA P/ MESA INFANTIL, C/ ESTRUTURA, ASSENTO E COSTAS EM ESFEROVITE PRENSADO DE COR VERDE Transferência LeiriaPolis CADEIRA P/ MESA INFANTIL, C/ ESTRUTURA, ASSENTO E COSTAS EM ESFEROVITE PRENSADO DE COR VERDE Transferência LeiriaPolis CADEIRA P/ MESA INFANTIL, C/ ESTRUTURA, ASSENTO E COSTAS EM ESFEROVITE PRENSADO DE COR AZUL Transferência LeiriaPolis CADEIRA P/ MESA INFANTIL, C/ ESTRUTURA, ASSENTO E COSTAS EM ESFEROVITE PRENSADO DE COR AZUL Transferência LeiriaPolis CADEIRA P/ MESA INFANTIL, C/ ESTRUTURA, ASSENTO E COSTAS EM ESFEROVITE PRENSADO DE COR AZUL Transferência LeiriaPolis CADEIRA P/ MESA INFANTIL, C/ ESTRUTURA, ASSENTO E COSTAS EM ESFEROVITE PRENSADO DE COR AZUL Transferência LeiriaPolis CADEIRA P/ MESA INFANTIL, C/ ESTRUTURA, ASSENTO E COSTAS EM ESFEROVITE PRENSADO DE COR LARANJA Transferência LeiriaPolis CADEIRA P/ MESA INFANTIL, C/ ESTRUTURA, ASSENTO E COSTAS EM ESFEROVITE PRENSADO DE COR LARANJA Transferência LeiriaPolis CADEIRA P/ MESA INFANTIL, C/ ESTRUTURA, ASSENTO E COSTAS EM ESFEROVITE PRENSADO DE COR LARANJA Transferência LeiriaPolis CADEIRA P/ MESA INFANTIL, C/ ESTRUTURA, ASSENTO E COSTAS EM ESFEROVITE PRENSADO DE COR LARANJA Transferência LeiriaPolis MAPA DO CORPO HUMANO - PRINCIPAIS ORGÃOS INTERNOS Adquirido antes do inventário inicial MAPA DO CORPO HUMANO - APARELHO CIRCULATÓRIO Adquirido antes do inventário inicial 19

20 MAPA DO CORPO HUMANO Adquirido antes do inventário inicial ARMÁRIO METÁLICO C/ 1,00x0,40x1,65m C/ 2 PORTAS Adquirido antes do inventário inicial ARMÁRIO DE MADEIRA C/ 11 CACIFOS C/ 2,00x0,35x1,25m E C/ 1 PORTA Adquirido antes do inventário inicial GLOBO TERRESTRE Adquirido antes do inventário inicial MAPA DE PORTUGAL CONTINENTAL E INSULAR Adquirido antes do inventário inicial ARMÁRIO DE MADEIRA, C/ PORTA DE ABRIR EM VIDRO, C/ 0,50x0,29x0,80 (CAIXA MÉTRICA IMCOMPLETA) Adquirido antes do inventário inicial ARMÁRIO DE MADEIRA, C/ PORTA DE ABRIR EM VIDRO, C/ 0,50x0,26x0,85 (CAIXA MÉTRICA IMCOMPLETA) Adquirido antes do inventário inicial AMPLIFICADOR INTER-M PAM 340 Transferência LeiriaPolis VIDEO, SAMSUNG SV - 241X (C/ COMANDO) Transferência LeiriaPolis APARELHO DE DVD, PIONEER DV-600AV-S Transferência LeiriaPolis TELEVISÃO DE 51CM, SAMSUNG CB - 20F12T (C/ COMANDO) Transferência LeiriaPolis TELIVISÃO/LCD C/ 61", PIONEER Transferência LeiriaPolis MICROFONE DE MESA FONESTAR MCH-205 Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO METÁLICO CINZENTO, C/ 2 PORTAS DE ABRIR, C/ 1,00x0,44x1,96 Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO METÁLICO CINZENTO, C/ 2 PORTAS DE ABRIR, C/ 1,00x0,44x1,96 Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO METÁLICO CINZENTO, C/ 2 PORTAS DE ABRIR, C/ 1,00x0,44x1,96 Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO METÁLICO CINZENTO, C/ 2 PORTAS DE ABRIR, C/ 1,00x0,44x1,96 Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO / VESTIÁRIO METÁLICO, C/ 3 PORTAS DE ABRIR, C/ 1,00x0,40x1,60 Adquirido antes do inventário inicial ARMÁRIO / VESTIÁRIO METÁLICO, C/ 3 PORTAS DE ABRIR, C/ 1,00x0,40x1,60 Adquirido antes do inventário inicial ARMÁRIO DE PAREDE, EM MADEIRA LACADA DE COR BRANCO, C/ 9 PORTAS DE ABRIR, C/ 4,92x0,36x0,70 Transferência LeiriaPolis ARMÁRIO DE MADEIRA LACADA DE COR CINZA, 3 PORTAS DE ABRIR E C/ SUPORTE INCORPORADO (C/ 0,87x0,51x1,81) Transferência LeiriaPolis BANCO CORRIDO EM MADEIRA, C/ 2,35 Adquirido antes do inventário inicial BANCO CORRIDO EM MADEIRA, C/ 2,35 Adquirido antes do inventário inicial BANCO CORRIDO, C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA LACADA DE COR VERMELHO Transferência LeiriaPolis BANCO CORRIDO, C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA LACADA DE COR VERMELHO Transferência LeiriaPolis BANCO CORRIDO, C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM MADEIRA LACADA DE COR VERMELHO Transferência LeiriaPolis BANCO DE JARDIM Transferência LeiriaPolis BANCO DE JARDIM Transferência LeiriaPolis BANCO DE JARDIM Transferência LeiriaPolis BANCO DE JARDIM Transferência LeiriaPolis BANCO ALTO, METÁLICO INOXIDÁVEL Transferência LeiriaPolis BANCO ALTO, METÁLICO INOXIDÁVEL Transferência LeiriaPolis BANCO ALTO, METÁLICO INOXIDÁVEL Transferência LeiriaPolis BANCO ALTO, METÁLICO INOXIDÁVEL Transferência LeiriaPolis BANCO DE MADEIRA, C/ ASSENTO E COSTAS, C/ 1,84x0,56x0,84 Produzido nas ofícinas SECADOR DE MÃOS, INOXIDÁVEL, SIMEX Transferência LeiriaPolis SECADOR DE MÃOS, INOXIDÁVEL, SIMEX Transferência LeiriaPolis BENGALEIRO DE PÉ ALTO, C/ ESTRUTURA METÁLICA INOXIDÁVEL E 5 CABIDES VERMELHOS Transferência LeiriaPolis BENGALEIRO DE PÉ ALTO, C/ ESTRUTURA METÁLICA E 5 CABIDES PRETOS Transferência LeiriaPolis CADEIRA PLÁSTICA, BRANCA Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA PLÁSTICA, BRANCA Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA PLÁSTICA, BRANCA Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA PLÁSTICA, BRANCA Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA PLÁSTICA, BRANCA Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA PLÁSTICA, BRANCA Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA PLÁSTICA, BRANCA Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA PLÁSTICA, BRANCA Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA PLÁSTICA, BRANCA Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA PLÁSTICA, BRANCA Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA PLÁSTICA, BRANCA Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA PLÁSTICA, BRANCA Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA PLÁSTICA, BRANCA Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA PLÁSTICA, BRANCA Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA PLÁSTICA, BRANCA Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA PLÁSTICA, BRANCA Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA PLÁSTICA, AZUL Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA PLÁSTICA, VERMELHA Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA PLÁSTICA, VERMELHA Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA PLÁSTICA, VERMELHA Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA METÁLICA BEJE Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM PLÁSTICO CASTANHO Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM PLÁSTICO CASTANHO Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM PLÁSTICO CASTANHO Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM PLÁSTICO CASTANHO Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM PLÁSTICO CASTANHO Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM PLÁSTICO CASTANHO Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM PLÁSTICO CASTANHO Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM PLÁSTICO CASTANHO Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM PLÁSTICO CASTANHO Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM PLÁSTICO CASTANHO Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM PLÁSTICO CASTANHO Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM PLÁSTICO CASTANHO Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM PLÁSTICO CASTANHO Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM PLÁSTICO CASTANHO Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM PLÁSTICO CASTANHO Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM PLÁSTICO CASTANHO Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM PLÁSTICO CASTANHO Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM PLÁSTICO CASTANHO Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM PLÁSTICO CASTANHO Adquirido antes do inventário inicial CADEIRA C/ ESTRUTURA METÁLICA, ASSENTO E COSTAS EM PLÁSTICO CASTANHO Adquirido antes do inventário inicial 20

8.2 NOTAS AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS

8.2 NOTAS AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS 8.2 NOTAS AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS 8.2.1 - Princípios Contabilísticos Na contabilidade autarca é necessário cumprir um conjunto de princípios contabilísticos, de modo a obter uma imagem

Leia mais

8.2 NOTAS AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS

8.2 NOTAS AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS 8.2 NOTAS AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS As Demonstrações Financeiras anexas foram elaboradas de acordo com os princípios contabilísticos definidos pelo Plano Oficial de Contabilidade das Autarquias

Leia mais

Notas ao Balanço e à Demonstração de Resultados consolidados

Notas ao Balanço e à Demonstração de Resultados consolidados ANEXO AO BALANÇO E DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS CONSOLIDADOS NOTA INTRODUTÓRIA A Lei nº 2/2007, de 15 de Janeiro (Lei das Finanças Locais), dispõe no seu Artigo 46.º o seguinte: «1 - Sem prejuízo dos documentos

Leia mais

Em 31 de Dezembro do ano de 2011 e 31 de Dezembro de 2012, estas rubricas tinham a seguinte composição:

Em 31 de Dezembro do ano de 2011 e 31 de Dezembro de 2012, estas rubricas tinham a seguinte composição: 8.2 Notas ao Balanço e à Demonstração de Resultados As demonstrações financeiras relativas ao exercício de 2012, foram preparadas de acordo com os princípios contabilístico fundamentais previstos no POCAL

Leia mais

ANEXO ÀS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS

ANEXO ÀS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS ANEXO ÀS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS 8.2 - NOTAS AO BALANÇO E A DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS 8.2.1 Indicação e justificação das disposições do POCAL que, em casos excecionais, devidamente fundamentados e sem

Leia mais

19. ANEXO ÀS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS CONSOLIDADAS

19. ANEXO ÀS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS CONSOLIDADAS 19. ANEXO ÀS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS CONSOLIDADAS 19.1. INFORMAÇÕES RELATIVAS ÀS ENTIDADES INCLUÍDAS NA CONSOLIDAÇÃO a) O perímetro de consolidação do Município de Pombal integra as seguintes entidades:

Leia mais

O Activo Imobilizado e aumentos patrimoniais contabilizados no exercício de 2012 foram valorizados ao custo de aquisição ou produção.

O Activo Imobilizado e aumentos patrimoniais contabilizados no exercício de 2012 foram valorizados ao custo de aquisição ou produção. 8 ANEXOS ÀS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS 8.2 - NOTAS AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS (Mapa n.º 13 do Tribunal de Contas Código Pocal 8.2) 82.1 Indicação e justificação de disposições do POCAL derrogadas

Leia mais

NOTAS AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS

NOTAS AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS NOTAS AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS Nota introdutória As demonstrações financeiras relativas ao exercício, foram preparadas de acordo com os princípios contabilísticos geralmente aceites previstos

Leia mais

8.2 NOTAS AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS

8.2 NOTAS AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS 8.2 NOTAS AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS Designação da Entidade: CÂMARA MUNICIPAL DE ODIVELAS Gerência de 1 de Janeiro a 31 de Dezembro de 2006 8.2.1 Não se aplica. 8.2.2 Os conteúdos das contas

Leia mais

ANEXO AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DOS RESULTADOS

ANEXO AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DOS RESULTADOS ANEXO AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DOS RESULTADOS A Penafiel Verde, E.M. é uma empresa municipal, com sede em Penafiel, constituída em Maio de 2006 e que tem como actividades principais a gestão e exploração

Leia mais

Anexo ao balanço e à Demonstração de Resultados

Anexo ao balanço e à Demonstração de Resultados Anexo ao balanço e à Demonstração de Resultados 8.2 Notas ao balanço e à demonstração de Resultados 8.2.1 Indicação e justificação das disposições do POCAL que, em casos excepcionais devidamente fundamentados

Leia mais

SERVIÇOS MUNICIPALIZADOS DE ÁGUA E SANEAMENTO DE VISEU Rua Conselheiro Afonso de Melo 3510-024 VISEU N.º de Identificação Fiscal 680.020.

SERVIÇOS MUNICIPALIZADOS DE ÁGUA E SANEAMENTO DE VISEU Rua Conselheiro Afonso de Melo 3510-024 VISEU N.º de Identificação Fiscal 680.020. ANEXO ÀS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS SERVIÇOS MUNICIPALIZADOS DE ÁGUA E SANEAMENTO DE VISEU Rua Conselheiro Afonso de Melo 3510-024 VISEU N.º de Identificação Fiscal 680.020.063 NOTAS AO BALANÇO E A DEMONSTRAÇÃO

Leia mais

MUNICÍPIO DO PORTO SANTO

MUNICÍPIO DO PORTO SANTO MUNICÍPIO DO PORTO SANTO Ponto 8 do POCAL ANEXOS ÀS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS As notas apresenta neste documento correspondem à numeração no POCAL. Aquelas cuja numeração se omite, não são aplicáveis ao

Leia mais

Relatório de Inventário & Cadastro Patrimonial

Relatório de Inventário & Cadastro Patrimonial Relatório de Inventário & Cadastro Patrimonial Exercício 2 0 1 3 Uma adequada gestão do património municipal é o ponto de partida para que de forma clara se providencie e planeie, sustentadamente, as atividades

Leia mais

Notas ao Balanço e à Demonstração de Resultados Município da Lourinhã

Notas ao Balanço e à Demonstração de Resultados Município da Lourinhã 2. Notas ao Balanço e Demonstrações de Resultados 2.1 - As contas do município derrogaram o ponto 2.8.3 do POCAL que institui a obrigatoriedade da utilização da contabilidade de custos. Tal facto ficou

Leia mais

Município de Alcácer do Sal Relatório de prestação de contas consolidadas

Município de Alcácer do Sal Relatório de prestação de contas consolidadas 1- INTRODUÇÃO A lei das Finanças Locais (Lei nº 2/2007, de 15 de Janeiros) veio determinar a obrigatoriedade da consolidação de contas para os Municípios que detenham serviços municipalizados e/ou a totalidade

Leia mais

Município de S. João da Madeira Anexos às Demonstrações Financeiras 08. Introdução

Município de S. João da Madeira Anexos às Demonstrações Financeiras 08. Introdução Introdução Os anexos às Demonstrações Financeiras são constituídos pela informação de identificação e caracterização da autarquia, pelas notas ao balanço e à demonstração de resultados e pelas notas sobre

Leia mais

ANEXO AO BALANÇO E DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS. Exercício 2010

ANEXO AO BALANÇO E DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS. Exercício 2010 ANEXO AO BALANÇO E DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS Exercício 2010 NOTA INTRODUTÓRIA FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TIRO é uma instituição de utilidade pública, sem fins lucrativos, com sede em Lisboa na Rua Luís Derouet

Leia mais

ANEXO AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DOS RESULTADOS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2007

ANEXO AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DOS RESULTADOS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2007 ANEXO AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DOS RESULTADOS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2007 NOTA INTRODUTÓRIA A RUMO 2020, E.M. é uma empresa pública de âmbito municipal constituída em 16 de Outubro de 2006. Tem a sua

Leia mais

MUNICÍPIO DO PORTO SANTO

MUNICÍPIO DO PORTO SANTO MUNICÍPIO DO PORTO SANTO ANEXO AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DOS RESULTADOS CONSOLIDADOS As notas apresentadas neste documento, estão conforme o preconizado no art.º 46º da Lei n.º 2/2007, de 15 de janeiro,

Leia mais

8. ANEXO ÀS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS

8. ANEXO ÀS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS 8. ANEXO ÀS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS Nota Introdutória A Manuel Rodrigues Gouveia, S.A. ( MRG ou Empresa ) tem sede em Seia, foi constituída em 1977 e tem como actividade principal a Construção Civil

Leia mais

Regulamento de Inventário e Cadastro do Património da Junta de Freguesia de Polvoreira CAPITULO I PRINCIPIOS GERAIS. Art.º 1º.

Regulamento de Inventário e Cadastro do Património da Junta de Freguesia de Polvoreira CAPITULO I PRINCIPIOS GERAIS. Art.º 1º. 1 Regulamento de Inventário e Cadastro do Património da Junta de Freguesia de Polvoreira CAPITULO I PRINCIPIOS GERAIS Art.º 1º. Lei habilitante O presente regulamento é elaborado no uso das competências

Leia mais

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TÉNIS DE MESA ANEXO AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DOS RESULTADOS EXERCÍCIO 2010

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TÉNIS DE MESA ANEXO AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DOS RESULTADOS EXERCÍCIO 2010 ANEXO AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DOS RESULTADOS EXERCÍCIO 2010 Introdução As Notas que se seguem respeitam a numeração definida no Plano Oficial de Contabilidade para as Federações Desportivas, Associações

Leia mais

Anexo ao Balanço e à Demonstração de Resultados

Anexo ao Balanço e à Demonstração de Resultados Anexo ao Balanço e à Demonstração de Resultados (ponto 8.2 e 8.3 do Dec-Lei 54-A/99 de 22 de fevereiro) 8.2.1 Indicação e justificação das disposições do POCAL que, em casos excecionais e devidamente fundamentados

Leia mais

Notas ao Balanço e à Demonstração de Resultados. (Ponto 8.2. do POCAL)

Notas ao Balanço e à Demonstração de Resultados. (Ponto 8.2. do POCAL) Notas ao Balanço e à Demonstração de Resultados (Ponto 8.2. do POCAL) 1. O Balanço e a Demonstração de Resultados foram elaborados de acordo com os Princípios Contabilísticos definidos no Plano Oficial

Leia mais

ANEXO AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS

ANEXO AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS ANEXO AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS relativo às contas individuais do exercício de dois mil e quatro, do Conselho Geral da Ordem dos Advogados, pessoa colectiva de direito público nº 500 965

Leia mais

ANEXO AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DOS RESULTADOS EM 31-12-2011

ANEXO AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DOS RESULTADOS EM 31-12-2011 ANEXO AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DOS RESULTADOS EM 00 - Introdução a) Objecto social e identificação da entidade A (FPPM), fundada em 19 de Dezembro de 1949, é uma pessoa colectiva de direito privado,

Leia mais

MAPAS DE FLUXOS FINANCEIROS

MAPAS DE FLUXOS FINANCEIROS DOCUMENTOS DE PRESTAÇÃO DE CONTAS 2010 MAPAS DE FLUXOS FINANCEIROS Documentos de Prestação de Contas 2010 DOCUMENTOS DE PRESTAÇÃO DE CONTAS 2010 Fluxos de Caixa Documentos de Prestação de Contas 2010 DOC

Leia mais

8.2.1 Disposições do POCAL derrogadas e seus efeitos no Balanço e Demonstração de Resultados

8.2.1 Disposições do POCAL derrogadas e seus efeitos no Balanço e Demonstração de Resultados 8.2 O Balanço e a Demonstração de Resultados encontram-se elaborados de acordo com os princípios contabilísticos definidos pelo Plano Oficial de Contabilidade das Autarquias Locais (POCAL) e demais legislação

Leia mais

REGULAMENTO DE INVENTÁRIO E CADASTRO DO PATRIMÓNIO MUNICIPAL

REGULAMENTO DE INVENTÁRIO E CADASTRO DO PATRIMÓNIO MUNICIPAL REGULAMENTO DE INVENTÁRIO E CADASTRO DO PATRIMÓNIO MUNICIPAL CAPITULO l (Princípios Gerais) Artigo 1 (Âmbito e aplicação) 1 - O presente regulamento estabelece os princípios gerais de, inventário e cadastro,

Leia mais

Regulamento do inventa rio. Junta de freguesia da Carapinheira

Regulamento do inventa rio. Junta de freguesia da Carapinheira Regulamento do inventa rio Junta de freguesia da Carapinheira 24-11-2014 Índice Página CAPÍTULO I Princípios gerais Artigo 1º - Objecto 3 Artigo 2º - Âmbito 4 CAPÍTULO II Inventário e cadastro Artigo 3º

Leia mais

8 - ANEXO AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DOS RESULTADOS

8 - ANEXO AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DOS RESULTADOS 8 - ANEXO AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DOS RESULTADOS 1. Indicação e justificação das disposições do POC que, em casos excepcionais, tenham sido derrogadas e dos respectivos efeitos nas demonstrações financeiras,

Leia mais

ANEXOS ÀS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS

ANEXOS ÀS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS ANEXOS ÀS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS Conforme preceitua o Decreto Lei n.º 54-A/99 de 22 de Fevereiro, com as devidas alterações, os anexos às Demonstrações Financeiras visam facultar aos órgãos autárquicos

Leia mais

Notas Explicativas ao Balanço e à Demonstração de Resultados

Notas Explicativas ao Balanço e à Demonstração de Resultados 8.2. NOTAS EXPLICATIVAS AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS 8.2.1. O Balanço e a Demonstração de Resultados, foram elaborados de acordo com as normas estabelecidas no Ponto n.º 13 do POCAL Plano

Leia mais

R E L A T Ó R I O E C O N T A D E G E R Ê N C I A 2 0 0 8

R E L A T Ó R I O E C O N T A D E G E R Ê N C I A 2 0 0 8 R E L A T Ó R I O E C O N T A D E G E R Ê N C I A 2 0 0 8 índice Índice (numeração conforme a indicação no POCAL) índice... 2 5 - Balanço... 3 6 Demonstração de Resultados... 9 7 Mapas de Execução Orçamental...

Leia mais

8 ANEXOS ÀS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS

8 ANEXOS ÀS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS 8 ANEXOS ÀS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS As notas que se seguem respeitam a numeração sequencial definida no Plano Oficial de Contabilidade das Autarquias Locais. As notas cuja numeração se encontra ausente

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE GONDOMAR. Mapas da Prestação de Contas (Anexo I)

CÂMARA MUNICIPAL DE GONDOMAR. Mapas da Prestação de Contas (Anexo I) CÂMARA MUNICIPAL DE GONDOMAR Mapas da Prestação de Contas (Anexo I) Ano de 2007 CC ÂÂMM AARR AA MM UU NN I IICC IIPP I AALL DD EE GG OONN DD OOMM AARR R EE LL AA TT ÓÓ RR II IOO EE C OO NN TT AA SS / 22

Leia mais

1. CARACTERIZAÇÃO DA ENTIDADE. 1.1 Identificação

1. CARACTERIZAÇÃO DA ENTIDADE. 1.1 Identificação 1. CARACTERIZAÇÃO DA ENTIDADE 1.1 Identificação Espinho é uma cidade situada no distrito de Aveiro, região Norte e subregião do Grande Porto. Segundo os censos de 2001, o concelho tem uma população residente

Leia mais

CONSOLIDAÇÃO DE CONTAS

CONSOLIDAÇÃO DE CONTAS MUNICIPIO DE ALMEIDA CONSOLIDAÇÃO DE CONTAS DO ANO ECONÓMICO DE 2010 APROVAÇÕES CÂMARA ASSEMBLEIA MUNICIPAL Em / / 2011 Em / / 2011 M U N I C Í P I O D E A L M E I DA 6350-130 Almeida Tef: 271570020 /

Leia mais

Regulamento de Inventário e Cadastro do Património

Regulamento de Inventário e Cadastro do Património Regulamento de Inventário e Cadastro do Património União das Freguesias de Benavila e Valongo Rua 25 de Abril, 35 7480-226 BENAVILA NIF 510 835 084 Telefones: 242 434 251 / 242 434 231 Fax: 242 434 242

Leia mais

Regulamento de Inventário e Cadastro do Património da Junta de Freguesia de Creixomil- Guimarães

Regulamento de Inventário e Cadastro do Património da Junta de Freguesia de Creixomil- Guimarães Página 1 de 7 Regulamento de Inventário e Cadastro do Património da Junta de Freguesia de Creixomil- Guimarães CAPÍTULO I Princípios gerais Artigo 1.º Âmbito de aplicação 1 - O presente Regulamento estabelece

Leia mais

Existências. Provisões para cobrança duvidosa

Existências. Provisões para cobrança duvidosa 8.2 NOTAS AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS POR NATUREZA As demonstrações financeiras anexas foram preparadas com base nos livros e registos contabilísticos da ESHTE mantidos em conformidade com

Leia mais

ANEXO AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DOS RESULTADOS

ANEXO AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DOS RESULTADOS ANEXO AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DOS RESULTADOS Introdução Os Serviços Sociais da Câmara Municipal de Lisboa são uma associação de direito privado, sem fins lucrativos, constituída por escritura pública

Leia mais

ANEXO AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DOS RESULTADOS EM 2009.12.31

ANEXO AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DOS RESULTADOS EM 2009.12.31 00 - Introdução a) Objecto social e identificação da Empresa HABECE Cooperativa de Habitação e Construção de Cedofeita, Crl., tem por objecto a construção ou a sua promoção e a aquisição de fogos para

Leia mais

Regulamento de Inventário e Cadastro dos Bens da Junta de Freguesia

Regulamento de Inventário e Cadastro dos Bens da Junta de Freguesia Regulamento de Inventário e Cadastro dos Bens da Junta de Freguesia Freguesia de Paçô Arcos de Valdevez 2013 Regulamento de Inventário e Cadastro dos Bens da Junta de Freguesia Para dar cumprimento ao

Leia mais

PLC - CORRETORES DE SEGUROS, S.A. EXERCÍCIO DE 2007 RELATÓRIO DE GESTÃO

PLC - CORRETORES DE SEGUROS, S.A. EXERCÍCIO DE 2007 RELATÓRIO DE GESTÃO PLC - CORRETORES DE SEGUROS, S.A. EXERCÍCIO DE 2007 RELATÓRIO DE GESTÃO De acordo com as disposições legais e estatuárias venho submeter á apreciação dos senhores accionistas o Relatório de Gestão e as

Leia mais

1 - IDENTIFICAÇÃO DA ENTIDADE 8.1.1

1 - IDENTIFICAÇÃO DA ENTIDADE 8.1.1 8. ANEXOS ÀS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS 8.1 Caracterização da Entidade 1 - IDENTIFICAÇÃO DA ENTIDADE 8.1.1 1.1 ENDEREÇO POSTAL: Fórum Municipal, Av. da Liberdade - 3701-956 S. João da Madeira Telefone /

Leia mais

Ano financeiro de 2014

Ano financeiro de 2014 9. ANEXO ÀS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS CONSOLIDADAS 9.1. INFORMAÇÕES RELATIVAS ÀS ENTIDADES INCLUÍDAS NA CONSOLIDAÇÃO a) O perímetro de consolidação do Município de Pombal integra as seguintes entidades:

Leia mais

FLUXOS DE CAIXA CONSOLIDADOS

FLUXOS DE CAIXA CONSOLIDADOS CÂMARA MUNICIPAL DO / SERVIÇOS MUNICIPALIZADOS DE TRANSPORTES COLECTIVOS DO RECEBIMENTOS Saldo da gerência anterior 2.363.424,49 Execução Orçamental 1.404.990,71 Operações de Tesouraria 958.433,78 Total

Leia mais

a) Firma e sede das empresas associadas a empresas incluídas na consolidação;

a) Firma e sede das empresas associadas a empresas incluídas na consolidação; 14.5 - ANEXO AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS CONSOLIDADOS I - Informações relativas às empresas incluídas na consolidação e a outras 1. Relativamente às empresas incluídas na consolidação a)

Leia mais

8.2. NOTAS AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS

8.2. NOTAS AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS 8.2. NOTAS AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS 8.2 NOTAS AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS As Demonstrações Financeiras anexas foram elaboradas de acordo com os princípios contabilísticos

Leia mais

MPS PERIODO : JANEIRO A NOVEMBRO - 2014/11/30 2014/12/15 2014 1 DOTAÇÃO MOVIMENTO DO PERIODO MOVIMENTO ACUMULADO SALDO

MPS PERIODO : JANEIRO A NOVEMBRO - 2014/11/30 2014/12/15 2014 1 DOTAÇÃO MOVIMENTO DO PERIODO MOVIMENTO ACUMULADO SALDO MPS PERIODO : JANEIRO A NOVEMBRO - 2014/11/30 2014/12/15 2014 1 010101 TITULARES DE ÓRGÃOS DE SOBERANIA E 98.400,00 98.400,00 98.373,57 77.242,97 77.242,97 98.400,00 98.373,57 77.242,97 77.242,97 26,43

Leia mais

PRESTAÇÃO DE CONTAS 2006

PRESTAÇÃO DE CONTAS 2006 PRESTAÇÃO DE CONTAS 2006 Relatório de Gestão 2006 1. Introdução Pretende-se, com o presente Relatório de Gestão dar cumprimento ao disposto no Artigo 9º da Lei 42/98, de 06 de Agosto (Lei das Finanças

Leia mais

Regulamento de Inventário e Cadastro do Património da Junta de Freguesia da Vila de Prado, concelho de Vila Verde

Regulamento de Inventário e Cadastro do Património da Junta de Freguesia da Vila de Prado, concelho de Vila Verde Regulamento de Inventário e Cadastro do Património da Junta de Freguesia da Vila de Prado, concelho de Vila Verde Índice Introdução... 1 CAPITULO I - Princípios Gerais... 1 Lei habilitante... 1 Âmbito

Leia mais

Informação Financeira

Informação Financeira Informação Financeira Balanço Código das contas POCMS Imobilizado ACTIVO Exercícios AB AP AL AL Bens de domínio público: 451 Terrenos e Recursos naturais 452 Edifícios 453 Outras construções e infra-estruturas

Leia mais

8.2 NOTAS AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS

8.2 NOTAS AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS 8.2 NOTAS AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS 8.2.1 - Indicação e justificação das disposições do POCAL que, em casos excepcionais devidamente fundamentados e sem prejuízo do legalmente estabelecido,

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL PAMPILHOSA DA SERRA. Princípios gerais

CÂMARA MUNICIPAL PAMPILHOSA DA SERRA. Princípios gerais Regulamento Interno de Inventário e Cadastro CAPITULO I Princípios gerais Artigo 1º Lei habilitante O presente Regulamento interno é elaborado no uso das competências atribuídas pela alínea f) do n.º 2

Leia mais

5 Análise Orçamental RELATÓRIO E CONTAS

5 Análise Orçamental RELATÓRIO E CONTAS 5 Análise Orçamental RELATÓRIO E CONTAS 1 PRINCIPAIS DESTAQUES [Indicadores] Indicadores 2010 2011 RECEITA Crescimento da Receita Total 19,8 3,7 Receitas Correntes / Receita Total 61 67,2 Crescimento das

Leia mais

Anexo ao Balanço e à Demonstração dos Resultados

Anexo ao Balanço e à Demonstração dos Resultados Anexo ao Balanço e à Demonstração dos Resultados Introdução EXERCÍCIO DE 2009 A Empresa «ANTONIO MARQUES, CORRETOR DE SEGUROS EIRL» tem sede na Rua António José Baptista, n.º 16 2.º Dto., em Setúbal, foi

Leia mais

F L U X O S D E C A I X A ANO 2013 ENTIDADE MVN MUNICIPIO DE VENDAS NOVAS Pág. 1 PERÍODO JANEIRO A DEZEMBRO - 2013/12/31 R E C E B I M E N T O S

F L U X O S D E C A I X A ANO 2013 ENTIDADE MVN MUNICIPIO DE VENDAS NOVAS Pág. 1 PERÍODO JANEIRO A DEZEMBRO - 2013/12/31 R E C E B I M E N T O S ENTIDADE MVN MUNICIPIO DE VENDAS NOVAS Pág. 1 PERÍODO JANEIRO A DEZEMBRO - 2013/12/31 R E C E B I M E N T O S SALDO DA GERÊNCIA ANTERIOR... 213.697,03 EXECUÇÃO ORÇAMENTAL... 67.235,92 OPERAÇÕES DE TESOURARIA...

Leia mais

8.2 - Notas ao Balanço e à Demonstração de Resultados. Ponto - 8.2.1 Princípios Contabilísticos. Ponto - 8.2.2 Comparabilidade das Contas

8.2 - Notas ao Balanço e à Demonstração de Resultados. Ponto - 8.2.1 Princípios Contabilísticos. Ponto - 8.2.2 Comparabilidade das Contas 8.2 - Notas ao Balanço e à Demonstração de Resultados Nota Introdutória No âmbito dos anexos às demonstrações financeiras e em conformidade com o ponto 8.2 do Decreto-lei nº 54-A/99 de 22 de Fevereiro,

Leia mais

do Agrelo, Rua do Agrelo, nº 236, Castelões, em Vila Nova de Famalicão, contribuinte

do Agrelo, Rua do Agrelo, nº 236, Castelões, em Vila Nova de Famalicão, contribuinte Exmo(a). Senhor(a) Doutor(a) Juiz de Direito do Tribunal do Judicial de Vila Nova de Famalicão 3º Juízo Cível Processo nº 3789/12.0TJVNF Insolvência de MOTORFAM Automóveis, Lda V/Referência: Data: Nuno

Leia mais

ANO DE 2010 BALANÇO DEMONSTRAÇÃO DOS RESULTADOS ANEXO AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DOS RESULTADOS DEMONSTRAÇÃO DOS FLUXOS DE CAIXA

ANO DE 2010 BALANÇO DEMONSTRAÇÃO DOS RESULTADOS ANEXO AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DOS RESULTADOS DEMONSTRAÇÃO DOS FLUXOS DE CAIXA CONTAS ANO DE 2010 BALANÇO DEMONSTRAÇÃO DOS RESULTADOS ANEXO AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DOS RESULTADOS DEMONSTRAÇÃO DOS FLUXOS DE CAIXA FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE PARAQUEDISMO RUA DA UNIDADE, 9 7000-719

Leia mais

JUNTA DE FREGUESIA DE SANTA MARGARIDA DA COUTADA

JUNTA DE FREGUESIA DE SANTA MARGARIDA DA COUTADA REGULAMENTO DE INVENTÁRIO E CADASTRO DO PATRIMÓNIO Para dar cumprimento ao disposto nas alíneas f) do n.º 1 e a) do n.º 5 do artigo 34.º da lei n.º 169/99, de 18 de Setembro, alterada pela Lei n.º 5-A/2002,

Leia mais

Insolvência de SOREL COMERCIAL AUTOMÓVEIS, S.A. Processo de Insolvência n.º 1838/13.4TYLSB 4º Juízo Tribunal do Comércio de Lisboa

Insolvência de SOREL COMERCIAL AUTOMÓVEIS, S.A. Processo de Insolvência n.º 1838/13.4TYLSB 4º Juízo Tribunal do Comércio de Lisboa Insolvência de SOREL COMERCIAL AUTOMÓVEIS, S.A. Processo de Insolvência n.º 1838/13.4TYLSB 4º Juízo Tribunal do Comércio de Lisboa ADMINISTRADOR DA INSOLVÊNCIA Dr. Fernando da Cruz Dias 1 Condições de

Leia mais

RELATÓRIO DE GESTÃO CONSOLIDADO 2014. Reunião de Câmara Municipal de 12/06/2015

RELATÓRIO DE GESTÃO CONSOLIDADO 2014. Reunião de Câmara Municipal de 12/06/2015 RELATÓRIO DE GESTÃO CONSOLIDADO 2014 Reunião de Câmara Municipal de 12/06/2015 Sessão da Assembleia Municipal de 22/06/2015 ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 5 2. PERÍMETRO DE CONSOLIDAÇÃO... 6 3. MÉTODO DE CONSOLIDAÇÃO...

Leia mais

Regulamento de inventario e cadastro do património da Câmara de Vila Nova de Cerveira Nota justificação

Regulamento de inventario e cadastro do património da Câmara de Vila Nova de Cerveira Nota justificação Regulamento de inventario e cadastro do património da Câmara de Vila Nova de Cerveira Nota justificação Para cumprimento do disposto na alínea c) do n.º 1 do artigo 51.º e alíneas d). f) e g) do n.º 2

Leia mais

CENTRO SÓCIO - CULTURAL E DESPORTIVO SANDE S. CLEMENTE Rua N. Senhora da Saúde nº 91 -S. Clemente de Sande

CENTRO SÓCIO - CULTURAL E DESPORTIVO SANDE S. CLEMENTE Rua N. Senhora da Saúde nº 91 -S. Clemente de Sande CENTRO SÓCIO - CULTURAL E DESPORTIVO SANDE S. CLEMENTE Rua N. Senhora da Saúde nº 91 -S. Clemente de Sande NIPC :501971327 NISS :20007555241 NOTAS PERÍODOS 31-12-2014 31-12- ACTIVO Activo não corrente

Leia mais

NOTAS ANEXAS ÀS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2014 2 REFERENCIAL CONTABILÍSTICO DE PREPARAÇÃO DAS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS

NOTAS ANEXAS ÀS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2014 2 REFERENCIAL CONTABILÍSTICO DE PREPARAÇÃO DAS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS ASSOCIAÇÃO POPULAR DE PAÇO DE ARCOS Rua Carlos Bonvalot, Nº 4 Paço de Arcos Contribuinte nº 501 238 840 NOTAS ANEXAS ÀS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2014 1 IDENTIFICAÇÃO DA ENTIDADE:

Leia mais

RELATÓRIO FIM DE ATIVIDADE e CONTAS 2015

RELATÓRIO FIM DE ATIVIDADE e CONTAS 2015 Relatório de gestão do ano de 2015 1 RELATÓRIO FIM DE ATIVIDADE e CONTAS 2015 Relatório Fim de Atividade e Contas 2015 ÍNDICE Pág. 1. Introdução 3 2. Recursos Humanos 5 3. Análise Económica e Financeira

Leia mais

Relatório de Gestão 2. Balanço 5. Demonstração de Resultados por Naturezas 7. Anexo ao Balanço e Demonstração de Resultados 8

Relatório de Gestão 2. Balanço 5. Demonstração de Resultados por Naturezas 7. Anexo ao Balanço e Demonstração de Resultados 8 ÍNDICE Relatório de Gestão 2 Balanço 5 Demonstração de Resultados por Naturezas 7 Anexo ao Balanço e Demonstração de Resultados 8 Relatório e Parecer do Conselho Fiscal 20 Certificação Legal das Contas

Leia mais

Regulamento de Inventário e Cadastro do Património da Freguesia

Regulamento de Inventário e Cadastro do Património da Freguesia 1 Regulamento de Inventário e Cadastro do Património da Freguesia Nota Justificativa Dada a inexistência de um regulamento sobre o inventário e cadastro do património da freguesia e por força da Lei nº

Leia mais

Câmara Municipal de Vila Franca de Xira

Câmara Municipal de Vila Franca de Xira REGULAMENTO Nº 2/2009 REGULAMENTO DE INVENTÁRIO E CADASTRO DE BENS DE IMOBILIZADO DA CÂMARA MUNICIPAL DE VILA FRANCA DE XIRA Perante as actuais exigências da gestão municipal torna-se premente o conhecimento

Leia mais

13 Notas ao Balanço e à Demonstração de Resultados

13 Notas ao Balanço e à Demonstração de Resultados 13 Notas ao Balanço e à Demonstração de Resultados Câmara Municipal de Cascais 31-12-2011 Divisão de Contabilidade e Gestão de Disponibilidades DMAS/DGF Cascais, Fevereiro de 2012 Nota Introdutória As

Leia mais

MANUAL DE APOIO AOS DOCUMENTOS DE PRESTAÇÃO DE CONTAS

MANUAL DE APOIO AOS DOCUMENTOS DE PRESTAÇÃO DE CONTAS MANUAL DE APOIO AOS DOCUMENTOS DE PRESTAÇÃO DE CONTAS A prestação de contas é matéria que deve respeitar o quadro normativo em vigor actualmente (consultar nota final deste manual). No POCAL Simplificado,

Leia mais

Freguesia de Paços de Brandão

Freguesia de Paços de Brandão REGULAMENTO DE INVENTÁRIO E PATRIMÓNIO (RIP) Freguesia de Paços de Brandão PREÂMBULO Para dar cumprimento ao disposto nas alíneas f) do n.º 1, alínea d) do n.º 2 e alínea a) do n.º 5 do artigo 34.º da

Leia mais

Relatório de Gestão 2. Balanço 5. Demonstração de Resultados por Naturezas 7. Anexo ao Balanço e Demonstração de Resultados 8

Relatório de Gestão 2. Balanço 5. Demonstração de Resultados por Naturezas 7. Anexo ao Balanço e Demonstração de Resultados 8 ÍNDICE Relatório de Gestão 2 Balanço 5 Demonstração de Resultados por Naturezas 7 Anexo ao Balanço e Demonstração de Resultados 8 Relatório e Parecer do Conselho Fiscal 20 Certificação Legal das Contas

Leia mais

AMADORA - MUNICIPIO DA AMADORA MOEDA EUR DATA 2015/04/10 A DEZEMBRO - 2014/12/01 a 2014/12/31 PAG. 1

AMADORA - MUNICIPIO DA AMADORA MOEDA EUR DATA 2015/04/10 A DEZEMBRO - 2014/12/01 a 2014/12/31 PAG. 1 A DEZEMBRO - 2014/12/01 a 2014/12/31 PAG. 1 Imobilizado: Bens de domínio público 451 Terrenos e recursos naturais 1.437.193,54 1.437.193,54 1.424.390,02 452 Edifícios 453 Outras construções e infra-estruturas

Leia mais

8.2 NOTAS AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS

8.2 NOTAS AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS 8.2 NOTAS AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS 8.2.1 - Indicação e justificação das disposições do POCAL que, em casos excepcionais devidamente fundamentados e sem prejuízo do legalmente estabelecido,

Leia mais

Município de Mesão Frio

Município de Mesão Frio Relatório Anual 2014 Execução do Plano de Saneamento Financeiro (n.º7, do artigo 40.º, da Lei das Finanças Locais) ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO 3 2 EMPRÉSTIMO A MÉDIO E LONGO PRAZO 4 3 ANÁLISE ECONÓMICA E FINANCEIRA

Leia mais

Processo de Insolvência n.º 2834/14.0T8SNT Sintra Inst. Central Sec. Comércio J4 Comarca de Lisboa Oeste

Processo de Insolvência n.º 2834/14.0T8SNT Sintra Inst. Central Sec. Comércio J4 Comarca de Lisboa Oeste Insolvência de SOPRATTUTTO CAFÉ, S.A. Processo de Insolvência n.º 2834/14.0T8SNT Sintra Inst. Central Sec. Comércio J4 Comarca de Lisboa Oeste ADMINISTRADOR DA INSOLVÊNCIA Dr. Fernando da Cruz Dias 1 Condições

Leia mais

Fluxos de Caixa. Recebimentos

Fluxos de Caixa. Recebimentos Recebimentos Saldo da Gerência Anterior 1.348.952,41 Total das Receitas Orçamentais Execução Orçamental 1.034.500,26 Operações de Tesouraria 314.452,15 16.035.427,63 Receitas Correntes 11.478.511,35 01

Leia mais

Documentos de Prestação de. Contas

Documentos de Prestação de. Contas Documentos de Prestação de Contas Ano Financeiro de 2010 INDICE GERAL 7.3.1 CONTROLO ORÇAMENTAL DA DESPESA 7.3.2 CONTROLO ORÇAMENTAL DA RECEITA 7.4 EXECUÇÃO ANUAL DO PLANO PLURIANUAL DE INVESTIMENTOS 7.4A

Leia mais

RELATÓRIO E CONTAS 2010 5 ANÁLISE ORÇAMENTAL

RELATÓRIO E CONTAS 2010 5 ANÁLISE ORÇAMENTAL 5 ANÁLISE ORÇAMENTAL 1 PRINCIPAIS DESTAQUES [Indicadores] Indicadores 2009 RECEITA Crescimento da Receita Total -18,8 19,8 Receitas Correntes / Receitas Totais 76,1 61 Crescimento das Receitas Correntes

Leia mais

Fluxos de Caixa Instituto de Higiene e Medicina Tropical - Universidade Nova de Lisboa Gerência de 01-01-2012 a 31-12-2012 Class. Económica Recebimentos Saldo da gerência anterior Execução orçamental -

Leia mais

Oficinas E2 Poliempreende Instituto Politécnico de Coimbra. Introdução ao Modelo de Análise Económico-Financeira

Oficinas E2 Poliempreende Instituto Politécnico de Coimbra. Introdução ao Modelo de Análise Económico-Financeira Oficinas E2 Poliempreende Instituto Politécnico de Coimbra Introdução ao Modelo de Análise Económico-Financeira 18 de Maio de 2011 1 Modelo de análise económico-financeira 2 Modelo de análise económico-financeira

Leia mais

Prestação de Contas 2011 MUNICÍPIO DE ODIVELAS MUNICÍPIO DE ODIVELAS. Prestação de Contas 2013. estação de Contas

Prestação de Contas 2011 MUNICÍPIO DE ODIVELAS MUNICÍPIO DE ODIVELAS. Prestação de Contas 2013. estação de Contas Prestação de Contas 2011 MUNICÍPIO DE ODIVELAS Prestação de Contas 2011 MUNICÍPIO DE ODIVELAS Prestação de Contas 2013 MUNICÍPIO DE ODIVELAS estação de Contas prestação de contas 2013 08.2 NOTAS AO BALANÇO

Leia mais

1.5. Sede da entidade-mãe Largo Cónego José Maria Gomes 4800-419 Guimarães Portugal.

1.5. Sede da entidade-mãe Largo Cónego José Maria Gomes 4800-419 Guimarães Portugal. ANEXO ÀS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS DO PERÍODO FINDO EM 31 DE DEZEMBRO DE 2011 (Montantes expressos em euros) 1. IDENTIFICAÇÃO DA ENTIDADE 1.1. Designação da Entidade Casfig Coordenação de âmbito social

Leia mais

Junta de Freguesia de Alcabideche

Junta de Freguesia de Alcabideche Junta de Freguesia de Alcabideche (Sede da Junta de Freguesia de Alcabideche) Conta de Gerência 2012 Junta de Freguesia de Alcabideche Conta de Gerência 2012 Prestação de Contas Ano de 2012 Prefácio Orçamental

Leia mais

DOTAÇÕES INICIAIS MUNICIPIO DO PORTO SANTO ( POR CLASSIFICAÇÃO ORGÂNICA/ECONÓMICA ) DO ANO 2012

DOTAÇÕES INICIAIS MUNICIPIO DO PORTO SANTO ( POR CLASSIFICAÇÃO ORGÂNICA/ECONÓMICA ) DO ANO 2012 ENTIDADE ORÇAMENTO DA DESPESA DOTAÇÕES INICIAIS MUNICIPIO DO PORTO SANTO ( POR CLASSIFICAÇÃO ORGÂNICA/ECONÓMICA ) DO ANO 2012 PÁGINA : 1 01 ADMINISTRAÇÃO MUNICIPAL 4.684.112,00 01.01 ADM/OPERAÇÕES FINANCEIRAS

Leia mais

Localização: Coimbra. Valor: 60.000,00

Localização: Coimbra. Valor: 60.000,00 Processo: 2014 1420 / Mobiliário de Escritório Equip. Informático Têxteis Viaturas Descrição dos bens Localização: Coimbra Valor: 60.000,00 Parque Industrial da Taveira Verba nº. 01 Diverso equipamento

Leia mais

ANEXO. Anexo às Demonstrações Financeiras Individuais Para o exercício findo em 31 de Dezembro de 2014

ANEXO. Anexo às Demonstrações Financeiras Individuais Para o exercício findo em 31 de Dezembro de 2014 ANEXO Anexo às Demonstrações Financeiras Individuais Para o exercício findo em 31 de Dezembro de 2014 1 - Identificação de entidade: 1.1- Designação da entidade: GATO - Grupo de Ajuda a Toxicodependentes

Leia mais

PRESTAÇÃO DE CONTAS 2007 O Órgão Executivo; O Órgão Deliberativo;

PRESTAÇÃO DE CONTAS 2007 O Órgão Executivo; O Órgão Deliberativo; PRESTAÇÃO DE CONTAS 2007 Junto se remetem os Documentos de Prestação de Contas referentes à Gerência de 2007, organizados em conformidade com o POCAL e de acordo com a Resolução n.º 04/2001 2.ª Secção,

Leia mais

E N T I D A D E EXECUÇÃO DO PLANO PLURIANUAL DE INVESTIMENTOS ANO CONTABILÍSTICO 2008 MUNICIPIO DE REDONDO. Pagina : 1

E N T I D A D E EXECUÇÃO DO PLANO PLURIANUAL DE INVESTIMENTOS ANO CONTABILÍSTICO 2008 MUNICIPIO DE REDONDO. Pagina : 1 Pagina : 1 1. Funções gerais 610.500,00 610.500,00 334.850,49 334.850,49 54.85 54.85 1.1. Serviços gerais de administração pública 525.500,00 525.500,00 334.640,59 334.640,59 63.68 63.68 1.1.1. Administracao

Leia mais

08.2 NOTAS AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS

08.2 NOTAS AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS 1 RELATÓRIO DE GESTÃO 08.2 NOTAS AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS As notas que se seguem respeitam a numeração sequencial definida no POCAL Plano Oficial de Contabilidade das Autarquias Locais.

Leia mais

Regulamento de Inventário e Cadastro Patrimonial

Regulamento de Inventário e Cadastro Patrimonial Regulamento de Inventário e Cadastro Patrimonial Junta de Freguesia de Amoreira Para cumprimento do disposto na alínea d) do n.º 2 do art.º 34.º da Lei n.º169/99, de 18 de Setembro, alterada pela Lei n.º5-a/2002,

Leia mais

DESIGNAÇÃO DA ENTIDADE

DESIGNAÇÃO DA ENTIDADE ANEXO 1 DOCUMENTOS DE PRESTAÇÃO DE CONTAS Nº DESIGNAÇÃO CÓDIGO POCAL 1 Balanço 5 2 Demonstração de resultados 6 3 Plano plurianual de investimentos - aprovado por deliberação de 3/12/2009 7.1 4 Orçamento

Leia mais

08.2.2 COMPARABILIDADE

08.2.2 COMPARABILIDADE 08.2 NOTAS AO BALANÇO E À DEMONSTRAÇAO DE RESULTADOS As notas que se seguem respeitam a numeração sequencial definida no POCAL Plano Oficial de Contabilidade das Autarquias Locais. Entidade: Câmara Municipal

Leia mais

RELATÓRIO & CONTAS Liquidação

RELATÓRIO & CONTAS Liquidação Fundo Especial de Investimento Aberto CAIXA FUNDO RENDIMENTO FIXO IV (em liquidação) RELATÓRIO & CONTAS Liquidação RELATÓRIO DE GESTÃO DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS RELATÓRIO DO AUDITOR EXTERNO CAIXAGEST Técnicas

Leia mais

Freguesia de Tabuadelo e São Faustino. Concelho de Guimarães

Freguesia de Tabuadelo e São Faustino. Concelho de Guimarães Freguesia de Tabuadelo e São Faustino Concelho de Guimarães Relatório de Gerência de Contas e Relatório de Actividades Ano de 2013 Índice: Introdução:... 3 Analise Económica e Financeira... 5 Execução

Leia mais