SISTEMA START & STOP SENSOR IBS

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "SISTEMA START & STOP SENSOR IBS"

Transcrição

1 SISTEMA START & STOP SENSOR IBS 01 SISTEMA START & STOP SENSOR IBS SAIBA MAIS 1

2 01 SISTEMA START & STOP SENSOR IBS 2

3 SISTEMA START & STOP SENSOR IBS 01 APRESENTAÇÃO Este material faz parte do Saiba mais do curso Novo Uno Inovações e Diagnóstico. Com ele, você terá acesso a conteúdos adicionais e complementares que o permitirão aprofundar o tema estudado. As especificações técnicas, os diagnósticos e as estratégias específicas de cada aplicação do curso Novo Uno Inovações e Diagnóstico poderão ser verificados no INFOTEC. Não deixe de conferir esse conteúdo e invista cada vez mais no seu aprendizado e atualização. Conhecimento é um diferencial de mercado, sendo uma herança que se constrói e que se leva por onde quer que vamos, a qual ninguém nos retira! Portanto invista em você, invista no seu conhecimento! Bom trabalho e um excelente estudo! 3

4 01 SISTEMA START & STOP SENSOR IBS SENSOR IBS O estado de carga da bateria determina a desativação AUTO STOP ou a função Auto Start sem a ação do motorista. O motor estando ligado, não deve ser desligado automaticamente se a bateria não tiver capacidade para um novo arranque. Do mesmo modo, se o motor estiver desligado na função AUTO STOP, deve ser ligado de novo se a capacidade de arranque da bateria estiver caindo demasiadamente. As informações do estado da bateria são monitoras pelo sensor IBS e envidas ao BCM via rede LIN. ATENÇÃO: Não desconecte o IBS. A calibração está na memória volátil. Ao desligar o IBS ele perderá a memória e o S&S poderá não funcionar até que seja feito o autoaprendizado. O IBS (Intelligent Battery Sensor) é uma unidade eletrônica que monitora: Estado de carga da bateria. Estado de saúde da bateria. Temperatura da Bateria. Tensão da bateria. PIN OUT 1 LIN 2 KL 30 Negativo na carcaça. 4

5 SISTEMA START & STOP SENSOR IBS 01 Estas grandezas são elaboradas pelo BCM que calcula os parâmetros de estado da bateria: SOC: (State of Charge: estado de carga) que representa em percentual a carga da bateria em relação à sua capacidade nominal. Para a função S&S deve ser de maior ou igual a 75%. SOH: (State of Health: estado de saúde) que representa o envelhecimento da bateria, ou melhor, representa em percentual a capacidade real da bateria em relação à nominal. Seu valor deve ser maior que 60% para a função S&S. Esta condição é importante porque, com o decorrer do tempo, a bateria é sujeita a um processo de envelhecimento irreversível que reduz a capacidade de ser totalmente recarregada e assim a possibilidade de fornecer toda a energia que uma nova bateria poderia armazenar. SOF: (State of Function: estado de funcionamento) expresso em Volts, representa o pico mínimo de tensão que pode ser atingido durante a fase de arranque. Para a função S&S o SOF deve ser maior que 8,2 V. AUTOAPRENDIZADO DO IBS: Após o desconexão do IBS ou a troca da bateria, o sensor entra em um estado de recalibração. Durante este processo, os cálculos do estado de eficiência da bateria (SOC, SOH e SOF) serão efetuados de forma menos precisa e com tolerâncias maiores. Neste período de tempo, o S&S pode ser desabilitado para que seja garantida condições de bateria para uma eventual partida após um AUTO STOP. 5

6 01 SISTEMA START & STOP SENSOR IBS A seguir, a logica de recalibração do IBS: Quando o IBS é reconectado, todos os parâmetros estão fora da tolerância. Ao primeiro arranque do motor, efetua-se a recalibração do SOF. Os outros parâmetros permanecem fora. Após um período de stand by conectado superior a quatro horas ou ao menos um arranque, é recalibrado o SOH. Após cinco períodos de stand by de oito a doze horas combinado com uma série de arranques, o SOH é recalibrado. O IBS está ligado em série entre o negativo da bateria e a carroçaria através de um cabo específico. Este cabo tem a forma de um pólo da bateria convencional e serve para permitir desligar a alimentação da bateria do sistema elétrico do veículo sem desligar o IBS, evitando descalibração do sensor. O IBS é equipado com um conector de duas vias cujos pinos estão ligados ao positivo da bateria e à rede LIN para transmissão de suas informações ao BCM. Caso a bateria já esteja envelhecida (SOH entre 80 e 60%) o tempo de recalibração será maior. 6

7 SISTEMA START & STOP SENSOR IBS 01 ATENÇÃO: Caso o S&S não funcione, é fundamental que seus parâmetros sejam monitorados pelo equipamento de diagnóstico. A linha de alimentação do sensor IBS possui um fusível inserido na CVM. No caso de interrupção do fusível ou desligamento elétrico do conector do componente, o sistema S&S não entra em funcionamento. 7

8 01 SISTEMA START & STOP SENSOR IBS COPYRIGHT BY FIAT AUTOMÓVEIS S.A. Os dados contidos nesta publicação são fornecidos a título indicativo e poderão ficar desatualizados em consequência das modificações feitas pelo fabricante, a qualquer momento, por razões de natureza técnica, ou comercial, porém sem prejudicar as características básicas do produto. 8

Sistemas indicadores e transmissores de PRESSÃO DIFERENCIAL PARA SALAS LIMPAS MODELO VEC-PP-LED

Sistemas indicadores e transmissores de PRESSÃO DIFERENCIAL PARA SALAS LIMPAS MODELO VEC-PP-LED INTERNO INSTRUMENTO PARA EMBUTIR Sistemas indicadores e transmissores de PRESSÃO DIFERENCIAL PARA SALAS LIMPAS MODELO VEC-PP-LED Aplicação : Especialmente em salas limpas, pois podem ser embutidas em paredes

Leia mais

Apresentação...3. Vantagens...3. Instalação...4. Informações Técnicas...5. Especificações Técnicas...8

Apresentação...3. Vantagens...3. Instalação...4. Informações Técnicas...5. Especificações Técnicas...8 1 ÍNDICE Apresentação...3 Vantagens...3 Instalação...4 Informações Técnicas...5 Especificações Técnicas......8 2 APRESENTAÇÃO: O SS100 é um rastreador desenvolvido com os mais rígidos padrões de qualidade

Leia mais

Monitor de Rede Elétrica Som Maior Pro. Manual do Usuário Versão 3.9f

Monitor de Rede Elétrica Som Maior Pro. Manual do Usuário Versão 3.9f Monitor de Rede Elétrica Som Maior Pro Manual do Usuário Versão 3.9f 2 ÍNDICE PÁG. 1 APRESENTAÇÃO...03 2 DESCRIÇÃO DO EQUIPAMENTO...04 2.1 ROTINA INICIAL DE AVALIAÇÃO DA REDE ELÉTRICA...04 2.2 TROCA DE

Leia mais

Apresentação...3. Vantagens...3. Instalação...4. Informações Técnicas...5. Especificações Técnicas...9

Apresentação...3. Vantagens...3. Instalação...4. Informações Técnicas...5. Especificações Técnicas...9 1 ÍNDICE Apresentação...3 Vantagens...3 Instalação...4 Informações Técnicas...5 Especificações Técnicas...9 2 APRESENTAÇÃO: O SS100 Moto é um rastreador exclusivo para Motos desenvolvido com os mais rígidos

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES

MANUAL DE INSTRUÇÕES MANUAL DE INSTRUÇÕES FONTE DE ALIMENTAÇÃO AUTOMOTIVA USINA MODELO: SUV-14460BV Fonte Chaveada Usina 60A-14,4V Antes de Efetuar qualquer ligação em sua fonte, leia atentamente o manual de instruções. Apresentação

Leia mais

O acelerador eletrônico

O acelerador eletrônico O acelerador eletrônico Os sistemas drive by wire ("guiado/controlado por fio") vão tomando espaço de mecanismos e sistemas hidráulicos complexos. Com o lançamento do motor fire 1.3 16 V, a fiat esbanja

Leia mais

MANUAL TÉCNICO DA CENTRAL FÊNIX-20L

MANUAL TÉCNICO DA CENTRAL FÊNIX-20L MANUAL TÉCNICO SUMÁRIO CARACTERÍSTICAS GERAIS... 3 PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS... 3 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS... 3 PAINEL... 4 FUNÇÕES DO PAINEL... 4 FUNÇÕES INTERNAS PLACA DE CONTROLE... 6 FUNÇÕES INTERNAS

Leia mais

INFORMATIVO DE PRODUTO

INFORMATIVO DE PRODUTO Temporizador Automático / Relógio Programador de Horário Para Acionamento Automático de Sirenes e Outros Equipamentos Código: AFKITPROG 2 O REGISTRADOR ELETRÔNICO DE PONTO REP O Relógio Acionador Automático

Leia mais

1. INTRODUÇÃO 2. ESPECIFICAÇÕES

1. INTRODUÇÃO 2. ESPECIFICAÇÕES 1. INTRODUÇÃO O timer TI-10 foi projetado para atender a maior parte das necessidades de temporização em laboratórios, residências, lojas e nas indústrias. O microprocessador, a memória e o display do

Leia mais

Soluções Globais em Sistemas de Pesagem. Indicador de pesagem WT1000-LED. Manual Técnico. Versão A12-03

Soluções Globais em Sistemas de Pesagem. Indicador de pesagem WT1000-LED. Manual Técnico. Versão A12-03 Soluções Globais em Sistemas de Pesagem Indicador de pesagem WT1000-LED Manual Técnico Versão A12-03 Obrigado por escolher a WEIGHTECH! Agora, além de adquirir um equipamento de excelente qualidade, você

Leia mais

Manual de Instruções. C o n t r o l a d o r D i f e r e n c i a l para P i s c i n a. Rev. B

Manual de Instruções. C o n t r o l a d o r D i f e r e n c i a l para P i s c i n a. Rev. B Manual de Instruções C o n t r o l a d o r D i f e r e n c i a l para P i s c i n a Rev. B 1. Descrição Índice 1.Descrição... pág 1 2.Dados Técnicos... pág 2 3.Instalação... pág 3 4.Ajuste e Operação...

Leia mais

Central de Alarme de Oito Zonas

Central de Alarme de Oito Zonas Central de Alarme de Oito Zonas R02 ÍNDICE CARACTERÍSTICAS GERAIS:... 3 CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS:... 3 CONHECENDO A CENTRAL:... 4 COMO A CENTRAL FUNCIONA:... 4 COMO APAGAR A MEMÓRIA DA CENTRAL:... 4 COMO

Leia mais

Indicador de pesagem. WT3000-I-Plus. Manual Técnico. Versão 03. Soluções Globais em Sistemas de Pesagem

Indicador de pesagem. WT3000-I-Plus. Manual Técnico. Versão 03. Soluções Globais em Sistemas de Pesagem Indicador de pesagem Manual Técnico Versão 03 Soluções Globais em Sistemas de Pesagem Obrigado por escolher a WEIGHTECH! Agora, além de adquirir um equipamento de excelente qualidade, você contará com

Leia mais

Guia rápido de uso do FULL TEMP

Guia rápido de uso do FULL TEMP Guia rápido de uso do FULL TEMP Descrição Destinado a medir a temperatura dos gases de escapamento de veículos originais e preparados este aparelho conta com 4 canais possibilitando a leitura de até 4

Leia mais

R O B Ó T I C A. Sensor Smart. Seguidor de Linha. Versão Hardware: 1.0 Versão Firmware: 2.0 REVISÃO 1211.19. www.robouno.com.br

R O B Ó T I C A. Sensor Smart. Seguidor de Linha. Versão Hardware: 1.0 Versão Firmware: 2.0 REVISÃO 1211.19. www.robouno.com.br R O B Ó T I C A Sensor Smart Seguidor de Linha Versão Hardware: 1.0 Versão Firmware: 2.0 REVISÃO 1211.19 Sensor Smart Seguidor de Linha 1. Introdução Os sensores seguidores de linha são sensores que detectam

Leia mais

APLICATIVOS RENAULT. Siemens/Fênix 5

APLICATIVOS RENAULT. Siemens/Fênix 5 CAPÍTULO 13 APLICATIVOS RENAULT Siemens/Fênix 5 MEGANE 1.6 K7M 702/703/720 1995 em diante COMO FUNCIONA ESTE SISTEMA Este sistema é multiponto seqüencial, com 4 válvulas injetoras que possui autodiagnose

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO CENTRAL MC 4D

MANUAL DO USUÁRIO CENTRAL MC 4D 12 Manual do Usuário Intrusos podem entrar em zonas sem proteção, ou ter sofisticação para isolar um sensor ou desconectar dispositivos de aviso de alarme; Central, detectores, sensores só funcionam quando

Leia mais

Apresentação...3. Vantagens...3. Instalação...4. Informações Técnicas...5. Especificações Técnicas...8

Apresentação...3. Vantagens...3. Instalação...4. Informações Técnicas...5. Especificações Técnicas...8 1 ÍNDICE Apresentação...3 Vantagens...3 Instalação...4 Informações Técnicas...5 Especificações Técnicas...8 2 APRESENTAÇÃO: O SS300 é um rastreador desenvolvido com os mais rígidos padrões de qualidade

Leia mais

Na primeira aula, conhecemos um pouco sobre o projeto Arduino, sua família de placas, os Shields e diversos exemplos de aplicações.

Na primeira aula, conhecemos um pouco sobre o projeto Arduino, sua família de placas, os Shields e diversos exemplos de aplicações. Na primeira aula, conhecemos um pouco sobre o projeto Arduino, sua família de placas, os Shields e diversos exemplos de aplicações. A partir de agora, iremos conhecer o hardware do Arduino e suas caracteristicas

Leia mais

Manual; Módulo de Alarme com Sirene Piezo Elétrica Dedicada; Dois Transmissores com Bateria; Chicote de Potência.

Manual; Módulo de Alarme com Sirene Piezo Elétrica Dedicada; Dois Transmissores com Bateria; Chicote de Potência. COMPOSIÇÃO DO SISTEMA DE ALARME Manual; Módulo de Alarme com Sirene Piezo Elétrica Dedicada; Dois Transmissores com Bateria; Chicote de Potência. INFORMAÇÕES AO PROPRIETÁRIO 1. OPERAÇÕES BÁSICAS DO ALARME

Leia mais

R2M CARACTERÍSTICAS. Aplicação - Usada como central de alarme residencial, comercial ou industrial. APRESENTAÇÃO DA PLACA. Buzzer. Placa de RF Antena

R2M CARACTERÍSTICAS. Aplicação - Usada como central de alarme residencial, comercial ou industrial. APRESENTAÇÃO DA PLACA. Buzzer. Placa de RF Antena 38 R2M CENTRAL DE ALARME 2 SETORES MICROPROCESSADA Aplicação - Usada como central de alarme residencial, comercial ou industrial. APRESENTAÇÃO DA PLACA Led - setor 2 Buzzer Placa de RF Antena Led - setor

Leia mais

CAPRI II. Funções do Produto:

CAPRI II. Funções do Produto: MANUAL CAPRI II CAPRI II Funções do Produto: Medidor de tempo de injeção parado e pulsando. Indicador do tipo de tempo de injeção medido. Memória do tempo máximo de Injeção medido. Indicador do funcionamento

Leia mais

REDE CABEADA CFTV MANUAL DO USUÁRIO

REDE CABEADA CFTV MANUAL DO USUÁRIO REDE CABEADA CFTV MANUAL DO USUÁRIO Sumário Página 4: Quadro completo Disjuntores Transformador isolador Protetor elétrico Fonte primária VT CFTV Funcionalidades Baterias Página 6: Ponto de distribuição

Leia mais

Alarme Automotivo com mensagem para móvel utilizando Arduino

Alarme Automotivo com mensagem para móvel utilizando Arduino Alarme Automotivo com mensagem para móvel utilizando Arduino Maycon Cirilo dos Santos¹, Wyllian Fressatti¹ ¹Universidade Paranaense (Unipar) Paranavaí PR Brasil mayconsi2012@gmail.com, wyllian@unipar.br

Leia mais

APLICATIVOS RENAULT. Siemens/Fênix 5

APLICATIVOS RENAULT. Siemens/Fênix 5 CAPÍTULO 11 APLICATIVOS RENAULT Siemens/Fênix 5 MEGANE 2.0 F3R 750/751 1996 em diante LAGUNA 1.8 F3P B670/S724 1996 em diante LAGUNA 2.0 F3R 722/723 1996 em diante LAGUNA 2.0 16V N7Q 700 1996 em diante

Leia mais

Indicador de pesagem. WT3000-I-Plus. Manual Técnico. Versão 04, Revisão 05. Soluções Globais em Sistemas de Pesagem

Indicador de pesagem. WT3000-I-Plus. Manual Técnico. Versão 04, Revisão 05. Soluções Globais em Sistemas de Pesagem Indicador de pesagem Manual Técnico Versão 04, Revisão 05 Soluções Globais em Sistemas de Pesagem Obrigado por escolher a WEIGHTECH! Agora, além de adquirir um equipamento de excelente qualidade, você

Leia mais

A capacidade de carga total com uso moderado é de aproximadamente 80% após 300 ciclos.

A capacidade de carga total com uso moderado é de aproximadamente 80% após 300 ciclos. Segurança da bateria A HP encara a segurança com muita seriedade e disponibiliza Material Safety Data Sheets (MSDS) (Fichas de dados de segurança de material; em inglês) que fornecem informações gerais

Leia mais

Última atualização: Maio de 2009 www.trackmaker.com Produto Descontinuado

Última atualização: Maio de 2009 www.trackmaker.com Produto Descontinuado Módulo Rastreador Veicular Manual de Instalação Última atualização: Maio de 2009 www.trackmaker.com Produto Descontinuado O Módulo Rastreador T3 introduz uma nova modalidade de localização e rastreamento

Leia mais

MÓDULO MD-50 DESCRIÇÃO DO PRODUTO CARACTERÍSTICAS GERAIS CONECTOR DE ENTRADA SENHA DO USUÁRIO

MÓDULO MD-50 DESCRIÇÃO DO PRODUTO CARACTERÍSTICAS GERAIS CONECTOR DE ENTRADA SENHA DO USUÁRIO MÓDULO MD-50 DESCRIÇÃO DO PRODUTO Com esse equipamento você pode monitorar qualquer central de alarme convencional ou eletrificador. Ele possui 5 entradas e uma saída PGM que pode ser acionada por telefone

Leia mais

PROCEDIMENTOS PARA VERIFICAÇÃO POR FABRICANTE

PROCEDIMENTOS PARA VERIFICAÇÃO POR FABRICANTE Evolution Manual de Operação do Equipamento RESET ECU BOSCH FIAT HIBRIDA (PALIO 1.3 16V / SIENA 1.3 16V) ECU ME 73H4 684 ESO128 Carga 073 www.chavesgold.com.br PROCEDIMENTOS PARA VERIFICAÇÃO POR FABRICANTE

Leia mais

TESTES DE SENSORES E ATUADORES E FIAÇÃO NO CONECTOR DA FIAÇÃO:

TESTES DE SENSORES E ATUADORES E FIAÇÃO NO CONECTOR DA FIAÇÃO: CHECKUP RÁPIDO EM SISTEMAS DE INJEÇÃO ELETRÔNICA ATRAVÉS DO CONECTOR DA CENTRALINA, USANDO A METODOLOGIA DE CONSERTOS DE PLACAS ELETRÔNICAS SEM ESQUEMAS. Com o Tracer Curver e mais um Osciloscópio Digital,

Leia mais

O uso dos diodos nos alternadores implicam numa série de cuidados, tais como:

O uso dos diodos nos alternadores implicam numa série de cuidados, tais como: Resumo - Alternador O uso dos diodos nos alternadores implicam numa série de cuidados, tais como: Não ligar a bateria com polaridade invertida; Não ligar o alternador sem carga ou retirar a carga com alternador

Leia mais

Manual do instalador Box Input Rev. 0.01.000. Figura 01 Apresentação do Box Input.

Manual do instalador Box Input Rev. 0.01.000. Figura 01 Apresentação do Box Input. Pág. 1/10 Apresentação Equipamento para detecção de acionamentos e monitoração de sensores. Comunicação com outros dispositivos por rede CAN. Possui seis entradas digitais optoacopladas com indicação de

Leia mais

Carregador de baterias. Manual do usuário. Antes de iniciar a operação do dispositivo, recomenda-se a leitura atenta deste manual do usuário.

Carregador de baterias. Manual do usuário. Antes de iniciar a operação do dispositivo, recomenda-se a leitura atenta deste manual do usuário. BATERIA PORTÁTIL MULTIFUNCIONAL 13.600 ma h Partida EM VEÍCULOS Carregador de baterias LANTERNA LED MULTIFUNÇÕES Manual do usuário Antes de iniciar a operação do dispositivo, recomenda-se a leitura atenta

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO SCANNER DE INJEÇÃO ELETRÔNICA LINHA HONDA E YAMAHA

MANUAL DO USUÁRIO SCANNER DE INJEÇÃO ELETRÔNICA LINHA HONDA E YAMAHA MANUAL DO USUÁRIO SCANNER DE INJEÇÃO ELETRÔNICA LINHA HONDA E YAMAHA MANUAL DE INSTRUÇÕES SCANNER DE INJEÇÃO ELETRÔNICA LINHA HONDA E YAMAHA O EQUIPAMENTO Com a entrada da Injeção Eletrônica de Combustível

Leia mais

MANUAL CARREGADOR DE BATERIAS 12V 5A/7A 110/220V

MANUAL CARREGADOR DE BATERIAS 12V 5A/7A 110/220V 1 MANUAL CARREGADOR DE BATERIAS 12V 5A/7A 110/220V Cuidado Perigo A utilização imprópria do equipamento assim como a não observância das normas de segurança, pode agravar em ferimentos graves. Leia o manual

Leia mais

ROTEIRO PARA LABORATÓRIO 1

ROTEIRO PARA LABORATÓRIO 1 1 Princípios de Eletricidade e Eletrônica Engenharia Ambiental Prof. Marcio Kimpara data: ROTEIRO PARA LABORATÓRIO 1 Resistores e Tensão Alternada Senoidal Objetivos: Familiarização com os osciloscópios

Leia mais

MANUAL REDE CABEADA UTP

MANUAL REDE CABEADA UTP MANUAL REDE CABEADA UTP volt.ind.br 1-QUADRO COMPLETO 2-DISJUNTOR 3-PROTETOR ELÉTRICO 4-FONTE PRIMÁRIA VT 800 5-BATERIAS 6-PD (PONTO DE DISTRIBUIÇÃO) volt.ind.br Pág. 1 1-QUADRO COMPLETO: Equipado por

Leia mais

SISTEMA DE CONTROLE DE PROCESSOS UTILIZANDO SONDA LAMBDA

SISTEMA DE CONTROLE DE PROCESSOS UTILIZANDO SONDA LAMBDA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SISTEMAS E PROCESSOS INDUSTRIAIS Fundamentos de Instrumentação para Controle de Processos ARTIGO SISTEMA DE CONTROLE DE PROCESSOS UTILIZANDO SONDA LAMBDA Ederson Luis Posselt,

Leia mais

SCML SISTEMA DE CONTROLE MULTIPLEXADO LOHR MANUAL DE OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO URBANO MARCOPOLO

SCML SISTEMA DE CONTROLE MULTIPLEXADO LOHR MANUAL DE OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO URBANO MARCOPOLO SCML SISTEMA DE CONTROLE MULTIPLEXADO LOHR MANUAL DE OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO URBANO MARCOPOLO INTRODUÇÃO INFORMAÇÃO GERAL 1 O SCML é um conjunto de equipamentos eletrônicos desenhados para realizar a tarefa

Leia mais

CDE4000 MANUAL 1. INTRODUÇÃO 2. SOFTWARE DE CONFIGURAÇÃO 3. COMUNICAÇÃO

CDE4000 MANUAL 1. INTRODUÇÃO 2. SOFTWARE DE CONFIGURAÇÃO 3. COMUNICAÇÃO CDE4000 MANUAL 1. INTRODUÇÃO O controlador CDE4000 é um equipamento para controle de demanda e fator de potência. Este controle é feito em sincronismo com a medição da concessionária, através dos dados

Leia mais

Manual do Usuário Bicicleta elétrica VERDE BIKE

Manual do Usuário Bicicleta elétrica VERDE BIKE Manual do Usuário Bicicleta elétrica VERDE BIKE Modelo ALGAROBA VBX05 Os Direitos autorais pertencem a VB IMPORTAÇAO LTDA proibindo a reprodução sem previa autorização Obrigado por escolher a VERDE BIKE.

Leia mais

Programa 787 Sistema Elétrico e Baterias

Programa 787 Sistema Elétrico e Baterias Programa 787 Sistema Elétrico e Baterias Mike Sinnett Vice-president & Engenheiro Chefe de Projeto Programa 787 Fevereiro 2013 1 Welcome Sistemas elétricos de uma aeronave Sistema elétrico do 787 Dreamliner

Leia mais

D-Fly2 Manual do Usuário

D-Fly2 Manual do Usuário D-Fly2 Manual do Usuário Introdução O D-Fly2 é fácil de usar. Basta pressionar o botão de disparo para ligar o scanner e o pressionar novamente para digitalizar um código de barras. As cores e a frequência

Leia mais

: (19) 3526-9900 Suporte técnico: ID*: 96*75079 www.lookout.com.br

: (19) 3526-9900 Suporte técnico: ID*: 96*75079 www.lookout.com.br : (19) 3526-9900 Suporte técnico: ID*: 96*75079 www.lookout.com.br ÍNDICE Composição do sistema de alarme...1 Operações básicas do alarme...1 Recursos e configurações do alarme...2 Auto-trava...2 Localização

Leia mais

Módulo Rastreador Veicular Manual de Instalação

Módulo Rastreador Veicular Manual de Instalação Módulo Rastreador Veicular Manual de Instalação Última atualização: Fevereiro de 2013 www.triforcerastro.com.br ÍNDICE 1 - Instalação 1.1 - Detalhes do Módulo...3 Descrição dos Pinos...3,4 1.2 - Instalando

Leia mais

Duas capacidades de armazenamento de digitais: 1.900 digitais (padrão) ou 9.500 digitais (opcional);

Duas capacidades de armazenamento de digitais: 1.900 digitais (padrão) ou 9.500 digitais (opcional); Características Possui estrutura com design moderno e LEDs que indicam a confirmação de registros; Os dados são gravados em um cartucho USB. Este modo de gravação oferece total proteção contra a perda

Leia mais

1.3 Conectando a rede de alimentação das válvulas solenóides

1.3 Conectando a rede de alimentação das válvulas solenóides 1.3 Conectando a rede de alimentação das válvulas solenóides CONTROLE DE FLUSHING AUTOMÁTICO LCF 12 Modo Periódico e Horário www.lubing.com.br (19) 3583-6929 DESCALVADO SP 1. Instalação O equipamento deve

Leia mais

Manual de instruções RECICLADOR AUTOMOTIVO RECIGASES. Desenvolvido por:

Manual de instruções RECICLADOR AUTOMOTIVO RECIGASES. Desenvolvido por: Manual de instruções RECICLADOR AUTOMOTIVO RECIGASES Desenvolvido por: Índice 1. INTRODUÇÃO... 3 2. FUNÇÕES BÁSICAS... 4 3. PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS... 5 4. CONDIÇÕES DE SEGURANÇA... 7 5. COMPONENTES

Leia mais

Agora, além de adquirir um equipamento de excelente qualidade, você contará

Agora, além de adquirir um equipamento de excelente qualidade, você contará Obrigado por escolher a LIBRACOM! Agora, além de adquirir um equipamento de excelente qualidade, você contará com uma equipe de suporte ágil, dinâmica e diferenciada para resolver todos os problemas que

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO. FONTE NoBreak 360W

MANUAL DO USUÁRIO. FONTE NoBreak 360W MANUAL DO USUÁRIO FONTE NoBreak 360W 2 1 Contém: 1 cabo tripolar; 1 manual do usuário; 1 fonte NoBreak Fonte NoBreak Online 24V/10A 360W: Procedimento de instalação: Ao receber a fonte, verificar a integridade

Leia mais

Capítulo 1: Eletricidade. Corrente continua: (CC ou, em inglês, DC - direct current), também chamada de

Capítulo 1: Eletricidade. Corrente continua: (CC ou, em inglês, DC - direct current), também chamada de Capítulo 1: Eletricidade É um fenômeno físico originado por cargas elétricas estáticas ou em movimento e por sua interação. Quando uma carga encontra-se em repouso, produz força sobre outras situadas em

Leia mais

Manual do Usuário Bicicleta elétrica VERDE BIKE

Manual do Usuário Bicicleta elétrica VERDE BIKE Manual do Usuário Bicicleta elétrica VERDE BIKE Modelo JACARANDA VBX14 Os Direitos autorais pertencem a VB IMPORTAÇAO LTDA proibindo a reprodução sem previa autorização Obrigado por escolher a VERDE BIKE.

Leia mais

CONTROLADOR DE RODIZIO NANO V 3.0

CONTROLADOR DE RODIZIO NANO V 3.0 CONTROLADOR DE RODIZIO NANO V 3.0 Hardware: CPN1D1A2 CONTROLADOR PROGRAMAVEL C-PRO NANO 12V LED Acessórios: 0065300060 CABO/FIOS C/CONECTOR FEMEA MINIFIT 16 POLOS 1M CPN 0750000131 CONECTOR FEMEA 12 VIAS

Leia mais

Condicionador para Sensor Lambda Banda Larga (Wide Band) Manual de Instalação e Operação

Condicionador para Sensor Lambda Banda Larga (Wide Band) Manual de Instalação e Operação Condicionador para Sensor Lambda Banda Larga (Wide Band) Manual de Instalação e Operação Sumário 1. Apresentação... 4 1.1 Características... 4 2. Aviso Termo de Garantia... 5 3. Sonda Lambda de Banda Larga...

Leia mais

Soluções Globais em Sistemas de Pesagem. Indicador de pesagem WT1000-LED. Manual Técnico. Versão A12-03

Soluções Globais em Sistemas de Pesagem. Indicador de pesagem WT1000-LED. Manual Técnico. Versão A12-03 Soluções Globais em Sistemas de Pesagem Indicador de pesagem WT1000-LED Manual Técnico Versão A12-03 ÍNDICE 1 CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS... 4 2 RECOMENDAÇÕES GERAIS... 4 3 FUNÇÕES DAS TECLAS... 5 4 OPERAÇÃO...

Leia mais

Manual do Data Logger Perceptec DL12 One Way. Descartável

Manual do Data Logger Perceptec DL12 One Way. Descartável Manual do Data Logger Perceptec DL12 One Way Descartável Conteúdo: 1 - Apresentação 2 - Características 3 - Instalação do sistema 4 - Funcionamento 5 - Especificações 6 - Certificado de Garantia 7 - Certificado

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO TIMER MODELO TI-12

MANUAL DE INSTRUÇÕES DO TIMER MODELO TI-12 MANUAL DE INSTRUÇÕES DO TIMER MODELO TI-12 revisão novembro de 2008 Leia atentamente as instruções contidas neste manual antes de iniciar o uso do multímetro ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 1 2. ESPECIFICAÇÕES...

Leia mais

AC1024 AC1424 / AC2524 AC1212 / AC2512 AC5012 / AC0848

AC1024 AC1424 / AC2524 AC1212 / AC2512 AC5012 / AC0848 Carregador de Baterias Manual do Usuário Modelo: Top Gear AC1024 AC1424 / AC2524 AC1212 / AC2512 AC5012 / AC0848 INSTRUÇÃO PARA INSTALAÇÃO E USO Aviso: A não observação destas informações, poderá causar

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO QTA-GMG

MANUAL DE INSTALAÇÃO QTA-GMG MANUAL DE INSTALAÇÃO QTA-GMG 1º verificar o nível de água do radiador, e ligue os cabos da bateria. 2º verificar o nível do óleo do motor 3º Ligação da rede ao painel.. Dentro do painel, na parte superior

Leia mais

GUIA DE INICILIZAÇÃO RÁPIDA

GUIA DE INICILIZAÇÃO RÁPIDA GUIA DE INICILIZAÇÃO RÁPIDA GEO EXPLORER SERIES 2005 Partes do Geo Explorer 2005 Receptor GPS Integrado Conector para Antena Externa Tela Sensitiva Microfone Slot para cartão SD Elástico para fixação Terminais

Leia mais

Manual de operações e instruções

Manual de operações e instruções Manual de operações e instruções Transmissor e Indicador de Vazão de Ar TIVA Com display LCD Rua Cincinati, 101 - São Paulo -SP Tel. / Fax (011) 5096-4654 - 5096-4728. E-mail: vectus@vectus.com.br Para

Leia mais

Manutenção de Computadores

Manutenção de Computadores Manutenção de Computadores Assunto a ser estudado: Armazenamento; Energia; Dispositivos de Entrada e Saída; Placa Mãe; Sistema de Arquivo; Processadores; Refrigeração; Memória; Vídeo; Instalação de sistemas

Leia mais

Este sistema impede o funcionamento do motor por qualquer outro meio que não seja através da chave de ignição pertencente ao veiculo.

Este sistema impede o funcionamento do motor por qualquer outro meio que não seja através da chave de ignição pertencente ao veiculo. SISTEMA DE IMOBILIZAÇÃO DE VEÍCULOS IMOBILIZADOR Este sistema impede o funcionamento do motor por qualquer outro meio que não seja através da chave de ignição pertencente ao veiculo. 0 sistema de imobilização

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO ST240

MANUAL DE INSTALAÇÃO ST240 MANUAL DE INSTALAÇÃO ST240 SUMÁRIO Descrição do Rastreador ST-240... 03 Descrição das entradas e saídas... 03 Led indicador GPS - Vermelho... 04 Led indicador GPRS - Azul... 04 Dicas de instalação... 05

Leia mais

R O B Ó T I C A. Sensor Smart. Ultrassom. Versão Hardware: 1.0 Versão Firmware: 1.0 REVISÃO 1211.13. www.robouno.com.br

R O B Ó T I C A. Sensor Smart. Ultrassom. Versão Hardware: 1.0 Versão Firmware: 1.0 REVISÃO 1211.13. www.robouno.com.br R O B Ó T I C A Sensor Smart Ultrassom Versão Hardware: 1.0 Versão Firmware: 1.0 REVISÃO 1211.13 Sensor Smart Ultrassom 1. Introdução Os sensores de ultrassom ou ultrassônicos são sensores que detectam

Leia mais

PORTUGAL. MTL-Portable. Manual de Utilizador V0.02

PORTUGAL. MTL-Portable. Manual de Utilizador V0.02 PORTUGAL MTL-Portable Manual de Utilizador V0.02 Conteúdo 1. Início... 3 2. Notas gerais... 3 3. Colocação do d sistema em funcionamento... 4 4. Software / Firmware... 4 5. O Slider... 5 6. O controlador...

Leia mais

Laboratório de robótica

Laboratório de robótica Alarme de Presença Em vários projetos desenvolvidos, o uso de sensores é muito interessante. Através de sensores, podemos fazer a leitura de determinadas características do ambiente, tais como a presença

Leia mais

Indicador de pesagem. WT3000-I-Pro. Manual Técnico. v02; r01. Soluções Globais em Sistemas de Pesagem

Indicador de pesagem. WT3000-I-Pro. Manual Técnico. v02; r01. Soluções Globais em Sistemas de Pesagem Indicador de pesagem WT3000-I-Pro Manual Técnico v02; r01 Soluções Globais em Sistemas de Pesagem Obrigado por escolher a WEIGHTECH! Agora, além de adquirir um equipamento de excelente qualidade, você

Leia mais

Duas capacidades de armazenamento de digitais. Opção para 1.900 digitais (padrão) ou 9.500 digitais opcional);

Duas capacidades de armazenamento de digitais. Opção para 1.900 digitais (padrão) ou 9.500 digitais opcional); Características Possui estrutura com design moderno e LEDs que indicam a confirmação de registros; Exclusivo sistema de hibernação quando o equipamento encontra-se sem energia vinda da rede elétrica, o

Leia mais

Manômetros de Pressão Diferencial

Manômetros de Pressão Diferencial GUIA DO USUÁRIO Manômetros de Pressão Diferencial Modelo PS101, PS106 e PS115 Introdução Parabéns pela compra do Manômetro de Pressão Diferencial Extech SO Série 100. Estes manômetros medem a pressão aferida

Leia mais

Rastreador RST-VT RST. Manual do Usuário. Versão 1.3 RST-VT

Rastreador RST-VT RST. Manual do Usuário. Versão 1.3 RST-VT Rastreador RST Manual do Usuário Versão 1.3 Rastreador Emissão: Revisão 1.4 Data: 12/03/2012 Número de Páginas 24 Histórico de Revisões DATA VERSÃO DESCRIÇÃO AUTORES 06/10/2011 1.3 05/10/2011 1.2 19/09/2011

Leia mais

INFORMATIVO DE PRODUTO

INFORMATIVO DE PRODUTO Mini Sirene Eletrônica Audiovisual Um Toque Iluminação a LED - Para Pequenas e Médias Áreas - Código: AFMSF A sirene audiovisual de alarme código AFMSF é um equipamento que deve ser instalado no teto ou

Leia mais

XLT-17 DETECTOR DE VAZAMENTO DE LÍQUIDOS MANUAL DE OPERAÇÕES F I S H E R R E S E A R C H L A B O R A T O R Y

XLT-17 DETECTOR DE VAZAMENTO DE LÍQUIDOS MANUAL DE OPERAÇÕES F I S H E R R E S E A R C H L A B O R A T O R Y XLT-17 DETECTOR DE VAZAMENTO DE LÍQUIDOS MANUAL DE OPERAÇÕES F I S H E R R E S E A R C H L A B O R A T O R Y ÍNDICE Introdução... pg. 2 Montagem do Instrumento... pg. 3 Painel de Controle... pg. 5 Instruções

Leia mais

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR - MDIC

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR - MDIC MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR - MDIC INSTITUTO NACIONAL DE METROLOGIA, NORMALIZAÇÃO E QUALIDADE INDUSTRIAL - INMETRO Portaria INMETRO/DIMEL/Nº 051, de 13 de abril de 2005.

Leia mais

Manual do instalador Box Output DC Rev. 0.01.000. Figura 01 Apresentação do Box Output DC.

Manual do instalador Box Output DC Rev. 0.01.000. Figura 01 Apresentação do Box Output DC. Pág. 1/10 Apresentação Equipamento para acionamento de cargas em corrente contínua. Comunicação com outros dispositivos por rede CAN. 6 entradas digitais para acionamento local ou remoto. 6 entradas/saídas

Leia mais

Vida Útil de Baterias Tracionárias

Vida Útil de Baterias Tracionárias Vida Útil de Baterias Tracionárias Seção 1 Introdução. Seção 2 Vida Útil Projetada. ÍNDICE Seção 3 Fatores que Afetam a Vida Útil da Bateria. Seção 3.1 Problemas de Produto. Seção 3.2 Problemas de Manutenção.

Leia mais

110228-002. MICROFLASH 2Te. Guia do usuário

110228-002. MICROFLASH 2Te. Guia do usuário 110228-002 Guia do usuário Impressora microflash 2te: visão superior... 1 Utilização da bateria: orientações gerais... 2 Carregamento da bateria... 2 Determinação da condição da bateria... 2 Instalação

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO. Central de Alarme Particionada AP4/AP4 D

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO. Central de Alarme Particionada AP4/AP4 D MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO Central de Alarme Particionada AP/AP D Índice 1.Apresentação... 2.Características... 3.Características Técnicas... 5.Status de Bips... 5 5.Status dos Led s... 5 6.Conhecendo

Leia mais

Placa Acessório Modem Impacta

Placa Acessório Modem Impacta manual do usuário Placa Acessório Modem Impacta Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras. A Placa Modem é um acessório que poderá ser utilizado em todas as centrais

Leia mais

Vectra L1 / L2. Manual de instruções

Vectra L1 / L2. Manual de instruções Vectra L1 / L2 Manual de instruções Versão 05. 2004 1 Índice Introdução...3 Instalação...3 Setup...5 Display...7 Acionando o módulo de impressora...8 Mensagens de sistema...8 Atualizações...9 Programação

Leia mais

P á g i n a 2. Avisos Importantes

P á g i n a 2. Avisos Importantes P á g i n a 1 P á g i n a 2 Avisos Importantes Todas as instruções contidas neste manual devem ser seguidas, caso contrário o produto perderá a garantia. Faça primeiro as conexões dos cabos de alimentação

Leia mais

AUXILIAR AUXILIAR AUXILIAR. Depende onde o fio cinza estiver ligado, pode abrir porta malas, baixar vidros, fechar retrovisores...

AUXILIAR AUXILIAR AUXILIAR. Depende onde o fio cinza estiver ligado, pode abrir porta malas, baixar vidros, fechar retrovisores... AUXILIAR ** AUXILIAR AUXILIAR ** AUXILIAR por 3 s Ativa a saída auxiliar Depende onde o fio cinza estiver ligado, pode abrir porta malas, baixar vidros, fechar retrovisores...* AUXILIAR ** Quando estiver

Leia mais

EQUIPAMENTO PARA DIAGNOSTICAR E REPARAR CORRETAMENTE LINHA FRANCESA E DICAS

EQUIPAMENTO PARA DIAGNOSTICAR E REPARAR CORRETAMENTE LINHA FRANCESA E DICAS EQUIPAMENTO PARA DIAGNOSTICAR E REPARAR CORRETAMENTE LINHA FRANCESA E DICAS Equipamento para Diagnóstico e Configuração SuperScan III Equipamento para Diagnóstico e Configuração Praticamente todas as configurações

Leia mais

MANUAL SUSPENSÃO MECÂNICA SENSOR DE ÂNGULO

MANUAL SUSPENSÃO MECÂNICA SENSOR DE ÂNGULO 2015 MANUAL SUSPENSÃO MECÂNICA SENSOR DE ÂNGULO SUSPENSÃO MECÂNICA SENSOR DE ÂNGULO Passo 1: O primeiro passo é determinar qual versão do Sensor de Ângulo foi incluído no seu kit. Existe uma versão Direita

Leia mais

Laboratório de Circuitos Elétricos

Laboratório de Circuitos Elétricos Laboratório de Circuitos Elétricos 3ª série Mesa Laboratório de Física Prof. Reinaldo / Monaliza Data / / Objetivos Observar o funcionamento dos circuitos elétricos em série e em paralelo, fazendo medidas

Leia mais

GUIA DO USUÁRIO Central de Alarme Intelbras AMT 1004 RF

GUIA DO USUÁRIO Central de Alarme Intelbras AMT 1004 RF GUIA DO USUÁRIO Central de Alarme Intelbras AMT 1004 RF DESCRIÇÃO E APLICAÇÕES Parabéns, você acaba de adquirir um produto concebido com a tecnologia e a segurança Intelbras. A central de alarme AMT 1004

Leia mais

Treinamento sobre carregadores KM suporte@kmcarregadores.com.br

Treinamento sobre carregadores KM suporte@kmcarregadores.com.br Treinamento sobre carregadores KM suporte@kmcarregadores.com.br O que é um carregador de baterias.... 3 Carregador convencional... 3 Transformador:... 3 Retificador:... 3 Controle eletrônico:... 4 Diagrama

Leia mais

Duas capacidades de armazenamento de digitais. Opção para 1.900 digitais (padrão) ou 9.500 (opcional);

Duas capacidades de armazenamento de digitais. Opção para 1.900 digitais (padrão) ou 9.500 (opcional); Características Fabricada em aço-carbono, com pintura em epóxi preto; Tratamento anticorrosivo; Acabamento em aço inox; Fechadura para acesso aos componentes eletrônicos; Iluminação frontal, com chave

Leia mais

DESCRIÇÕES GERAIS SL A X 4 - MT

DESCRIÇÕES GERAIS SL A X 4 - MT DESCRIÇÕES GERAIS SL A X 4 - MT Sua central de alarme SL AX4 - MT, é microcontrolada, com quatro setores independentes, com fios ou sem fios (dependendo dos opcionais instalados), com opções monitoráveis

Leia mais

Cerne Tecnologia e Treinamento. suporte@cerne-tec.com.br. www.cerne-tec.com.br

Cerne Tecnologia e Treinamento. suporte@cerne-tec.com.br. www.cerne-tec.com.br Tecnologia e Treinamento Tutorial da Placa Datalogger para Termopar de 20 canais Sumário 1. Introdução 03 2. Reconhecendo o Datalogger 04 3. Conector de alimentação 05 4. Conectores de entrada analógica

Leia mais

SISTEMA DE MEDIÇÃO DIGITAL DIMES

SISTEMA DE MEDIÇÃO DIGITAL DIMES SISTEMA DE MEDIÇÃO DIGITAL DIMES AUMENTE O DESEMPENHO DE SEU SISTEMA FIREDETEC COM UM SISTEMA DE MEDIÇÃO DIGITAL DIMES Confirma que seu sistema estará pronto e carregado adequadamente Monitora continuamente

Leia mais

Medidor de Umidade/Moisture sem Pino com Memória + Termômetro IV

Medidor de Umidade/Moisture sem Pino com Memória + Termômetro IV GUIA DO USUÁRIO Medidor de Umidade/Moisture sem Pino com Memória + Termômetro IV Modelo MO295 mbar GPP RH% 01 MEM STORE MO295 Introdução Parabéns por sua compra do Medidor de Umidade/Moisture Sem Pino

Leia mais

Manual de Operação RB 201-B. Revisado em Agosto/2005. Página 1 de 13

Manual de Operação RB 201-B. Revisado em Agosto/2005. Página 1 de 13 Manual de Operação RB 201-B Revisado em Agosto/2005 Página 1 de 13 Índice 1 Apresentação...3 2 Instalação...3 3 Condições ambientais...3 4 Fornecimento de energia elétrica...3 5 Ligando o equipamento...3

Leia mais

TRANSFORME SEU BANHO EM UM MOMENTO INESQUECÍVEL.

TRANSFORME SEU BANHO EM UM MOMENTO INESQUECÍVEL. NOVA LINHA TRANSFORME SEU BANHO EM UM MOMENTO INESQUECÍVEL. AQUECEDOR DE ÁGUA A GÁS DE PASSAGEM LINHA AQUECEDOR DE ÁGUA PARA BANHO O novo grau de conforto. VOCÊ PEDIU E A RHEEM ATENDEU Linha Completa de

Leia mais

A senha 001 de fábrica é 151515.

A senha 001 de fábrica é 151515. 1 2 Índice PROGRAMANDO USUÁRIOS...4 MODO DE PROGRAMAÇÃO DE SENHAS:...4 COMO CADASTRAR NOVOS USUÁRIOS:... 4 COMO DESABILITAR USUÁRIOS:... 4 ATIVANDO A CENTRAL...5 ATIVAR GERAL... 5 ATIVAÇÃO RÁPIDA...5 ATIVAR

Leia mais

Manual de Operação e Configuração. Balança Dosadora de Ração

Manual de Operação e Configuração. Balança Dosadora de Ração Manual de Operação e Configuração Balança Dosadora de Ração 2 1- INTRODUÇÃO A (SPM e SPF) foi projetada para atender as necessidades no setor de pesagem e distribuição de ração em toda linha avícola, fornecendo

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES E CERTIFICADO DE GARANTIA

MANUAL DE INSTRUÇÕES E CERTIFICADO DE GARANTIA MANUAL DE INSTRUÇÕES E CERTIFICADO DE GARANTIA AB 2200 PLUS AMPLIFICADOR DE POTÊNCIA ESTÉREO PARA AUTOS Car Stereo Booster 360W POTÊNCIA DE SAÍDA (PMPO) CARACTERÍSTICAS 1 Estando conectado à saída para

Leia mais

Quem analisa bons negócios, escolhe Heliar.

Quem analisa bons negócios, escolhe Heliar. Equipamentos de PrecisAo Heliar Quem analisa bons negócios, escolhe Heliar. Importancia do diagnostico preventivo Seguranca e tranquilidade ao seu cliente Como qualquer peça do veículo, a bateria também

Leia mais

Manual de Instruções. Rastreador Via Satelite para Automóveis e Caminhões

Manual de Instruções. Rastreador Via Satelite para Automóveis e Caminhões Manual de Instruções Manual de Instruções Esta embalagem contém: Módulo AT1000 1 relé de potência 1 alto falante 1 antena GPS 1 antena GSM 1 soquete p/ relé com cabo 1 conector com cabo Manual de instruções

Leia mais