Inventário das Emissões de gases de efeito estufa

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Inventário das Emissões de gases de efeito estufa"

Transcrição

1 Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2012

2 Anidro do Brasil Extrações S/A Nome fantasia: Grupo Centroflora - CNPJ: / Tipo da empresa: Holding Setor econômico: C. Indústrias de transformação - Subsetor: 21. Fabricação de produtos farmoquímicos e farmacêuticos Endereço: Rodovia Eduardo Zuccari, Km 21,5 - Unidade de Extratos Vegetais - Zona Rural, Botucatu/São Paulo Responsável pela empresa: Milena Torres Tomás - Informações intitucionais O Grupo Centroflora é uma indústria química que atua mundialmente na fabricação de insumos de origem vegetal destinados aos mercados farmacêutico, alimentício e cosmético. Fundada em 1957, atualmente a Centroflora conta com 04 unidades industriais além de uma unidade agrícola. Integra seu portfólio de produtos insumos farmacêuticos ativos, extratos vegetais, óleos essenciais e polpas desidratadas. Conta, também, com uma empresa de inovação em biodiversidade que propicia o desenvolvimento de novas pesquisas e produtos de origem vegetal. Conta com o reconhecido Programa Parcerias para um mundo melhor que além de unir todos os elos da cadeia produtiva, garante a rastreabilidade dos insumos vegetais utilizado em seus produtos, aliado ao compromisso socioambiental, vez que são produzidos dentro de critérios orgânicos ou manejados na floresta, por agricultores familiares e de pequeno porte e cooperativas e associações extrativistas. 1. Dados do inventário Tipo de preenchimento: 1.1 Responsável pela elaboração do inventário Milena Torres Tomás 1.2 do responsável 1.3 Ano do inventário Verificação O Inventário foi verificado por terceira parte? Não 1.5 Tipo do inventário Completo 2

3 2. Limites do inventário Limites Organizacionais Abaixo é apresentada uma lista das unidades da organização e de empresas controladas incluídas neste inventário. É obrigatório o reporte desagregado das emissões das unidades que possuem emissões de escopo 1 iguais ou superiores a tco2e por ano. O reporte das emissões das outras unidades, assim como o de empresas controladas, é opcional. As emissões desagregadas por unidades podem ser encontradas na Seção 3.5 Emissões por unidades de operação. Legenda: Matriz Controlada Unidade [ A Matriz possui o controle operacional? Se não, quem possui? % de participação societária referente à Matriz ] Grupo Centroflora Anidro do Brasil Extrações S.A. - Unidade de Secagem Anidro do Brasil Extrações S.A. Unidade Farmoquímica Anidro do Brasil Extrações S.A. Unidade Óleos Essenciais e Agrícola Anidro do Brasil Extrações S.A.. Escritório Comercial 3

4 2.1 Qual abordagem de consolidação foi utilizada no inventário? Opção 2 - Relato de emissões somente sob a abordagem de Controle Operacional 2.2 Organograma Limites Operacionais 2.3 Limites operacionais reportados no inventário Escopo 1 Combustão estacionária Escopo 2 Aquisição de energia elétrica Combustão móvel Resíduos Fugitivas Agrícolas Escopo 3 6. Viagens a negócios 7. Deslocamento de funcionários (casa-trabalho) 4

5 3. Emissões Controle Operacional 3.1 Resumo das emissões totais em toneladas do gás em toneladas de CO2-equivalente (tco2e) GEE Escopo 1 Escopo 2 Escopo 3 Escopo 1 Escopo 2 Escopo 3 CO ,61 233,91 577, ,61 233,91 577,21 CH4 0,21 4,47 N2O 0,02 6,28 HFCs PFCs SF ,37 233,91 577, Emissões de Escopo 1 desagregadas por categoria Emissões desagregadas por categoria (em tco2e) Categorias Emissões GEE Combustão estacionária Biomassa 2.627,02 389,42 198,39 55,51 Resíduos 1.291,66 Fugitivas 0,38 Agrícolas 0, ,37 444,94 Combustão móvel 3.3 Emissões de Escopo 2 desagregadas por categoria Emissões desagregadas por categoria (em tco2e) Categorias Emissões GEE Aquisição de energia elétrica Biomassa 233,91 233, Emissões de Escopo 3 desagregadas por categoria Emissões desagregadas por categoria (em tco2e) Categorias 6. Viagens a negócios 7. Deslocamento de funcionários (casa-trabalho) Emissões GEE Biomassa 55,67 521,54 25,13 577,21 25, Emissões por unidades de operação 5

6 Unidade de Operação2 Emissões de escopo 1 (tco2e) Emissões de escopo 2 (tco2e) Emissões de escopo 3 (tco2e) Anidro do Brasil Extrações S/A Anidro do Brasil Extrações S.A. Unidade de Secagem 1.020,91 29,41 44,48 Anidro do Brasil Extrações S/A Anidro do Brasil Extrações S.A. Unidade Farmoquímica 9,67 51,05 Anidro do Brasil Extrações S/A Anidro do Brasil Extrações S.A. Unidade Óleos Essenciais e Agrícola 142,79 2,86 Anidro do Brasil Extrações S/A Anidro do Brasil Extrações S.A.. Escritório Comercial 80,60 0, ,98 83,76 44, Outras Emissões Biomassa As emissões de CO2 originárias da combustão de biomassa podem ser encontradas, por categoria de fonte de emissão, nas seções 3.2, 3.3 e 3.4, de acordo com as categorias reportadas pela organização Outros gases de efeito estufa não controlados pelo Protocolo de Quioto Gás de efeito estufa R-22 Emissão (tco2e) 45, Emissões fora do Brasil Nenhuma emissão de GEE por atividades/operação fora do Brasil foi reportada. 6

7 4. Metodologias utilizadas 4.1 Metodologias e/ou ferramentas inter-setoriais Foi utilizada alguma metodologia e/ou ferramenta inter-setorial além daquelas fornecidas pelo Programa Brasileito de GHG Protocol? Não utiliza. 4.2 Metodologias e/ou ferramentas para setores específicos Foi utilizada alguma metodologia e/ ou ferramenta para setores específicos? Nome da metodologia ou ferramenta Referência A quais fontes de emissão foi aplicada? Metedologia de quantificação IPCC Volume 5 - Chapter 4 - Biological Treatment of Solid Waste Compostagem Metodologia de quantificação IPCC 2006 Volume 5 Chapter 6 Wastewater Treatment and Discharge Industrial Wastewater Estação de tratamento de efluentes Metodologia de quantificação 2006 IPCC Volume 4 - Chapter 11- N2O Emissions from Managed Soils, and CO2 Emissions from Lime and Urea Application Preparo do solo 4.3 Fatores de emissão Foi utilizado algum fator de emissão diferente daqueles sugeridos pelo Programa Brasileiro GHG Protocol? Não utiliza. 7

8 5. Outros Elementos 5.1 Informações sobre a performance da empresa: comparação entre benchmarks internos e externos Tendo em vista a especificidade em que o Grupo Centroflora atua (extratos vegetais, óleos essenciais, insumos farmacêuticos ativos e produção agrícola) não encontramos empresas similares que tenham publicado inventário de emissões que permitisse a comparação. 5.2 Apresentação de indicadores relevantes de indicadores da organização. 5.3 Descrição de programas ou estratégias de redução/gestão de emissões de GEE O principal norte das atividades da Centroflora está na melhoria da eficiência de seu processos, o que causa/auxilia na redução do consumo de etanol, água, GLP, energia elétrica e geração de resíduos vegetais destinados à compostagem, estes intimamente ligados à redução de emissão de gases de efeito estufa; Outra importante estratégia do Grupo é o Programa Parcerias para um mundo melhor, que dentro de suas premissas está a produção agrícola seguindo preceitos da agricultura orgânica (baixa emissão de carbono) e o manejo florestal não madeireiro (opção de renda à partir da floresta e alternativa a evitar o desmatamento); Apesar de não mensurada a quantidade de redução de emissões de projetos socioambientais, o Grupo Centroflora fomenta essa atividade além dos limites de atuação produtiva, através do Instituto Floravida, organização não governamental, sem fins econômicos. Como exemplos de projetos: a.) Quintal Verde: visa educar e conscientizar a comunidade para a melhoria das condições de vida e de saúde, através da produção de hortas nos quintais das casas de comunidades de baixa renda; b.) Coleta Legal: Auxilia na implantação da coleta seletiva no município de Botucatu e discute a problemática dos resíduos e padrões de consumo nas escolas do município. Além disso, todo o Grupo Centroflora preferencialmente usa etanol em sua frota própria. 5.4 Informações sobre provisões contratuais relacionadas a riscos e obrigações vinculados a GEE A empresa possui contratos com agricultores que fornecem plantas medicinais, matéria prima da indústria. Preconiza-se a produção agrícola dentro dos preceitos orgânicos e o manejo florestal não madeireiro, com cláusulas contratuais expressas neste sentido. A priorização da agricultura orgânica evita a utilização de adubos nitrogenados responsáveis pela emissão de N2O. Já o manejo florestal não madeireiro, auxilia na valorização da floresta em pé, contribuindo para evitar o desmatamento, e possivelmente tal técnica emita menos GEE, mesmo se comparado a cultivo orgânico, pois deve-se considerar o consumo diário de CO2 pelas florestas. 5.5 Informações sobre a qualidade do inventário (por exemplo, informações sobre as causas e magnitude das incertezas nas estimativas das emissões) Alguns pontos causam incerteza na estimativa das emissões deste inventário: a) Parte do combustível contabilizado nas emissões provenientes de combustão móvel é referente ao reembolso solicitado por colaboradores que utilizam carro próprio para atividades vinculadas à empresa. Devido ao preenchimento incompleto não especificando o combustível utilizado (etanol ou gasolina), optou-se por gasolina; b) Os solventes foram desconsiderados, pois na maneira que é utilizado (análises laboratoriais) não há emissão. Após o uso é encaminhado a terceiros para destinação/incineração. c) A ferramenta contempla a compostagem anaeróbia. Como a compostagem da Centroflora é aeróbia, a emissão foi estimada a partir do fator de conversão fornecido pelo IPCC de 2006; d) A contabilização das emissões por Viagens a negócios (item 6 do escopo 3) foi concentrada nesta unidade por ter maior representatividade nesse item; e) Na contabilização do item 7- Deslocamento de funcionários (casa-trabalho) incluiu-se apenas os dados de combustível (diesel) dos ônibus fretados, responsáveis pelo transporte da maioria dos colaboradores. O combustível utilizado nos carros dos colaboradores que se deslocam com carro próprio não foi considerado. A quantidade de litros de diesel consumida pelos ônibus foi estimada a partir dos quilômetros percorridos, por uma média de km/l. f) Todas as atividades (considerando todas as unidades) que tenham controle mensal, os dados foram transferidos para a ferramenta com a mesma periodicidade, como solicitado pela mesma, com o intuito de aumentar a precisão. Os valores foram colocados com até 3 casas decimais, passível ao arredondamento automático da ferramenta. 5.6 Descrições das políticas em andamento que tratam da melhoria da qualidade do inventário 5.7 Informações sobre o consumo de energia renovável 8

9 6. Compensações e reduções 6.1 Compensação de emissões A organização possui projetos de compensação de emissões? Não 6.2 Reduções de emissões A organização possui projetos de redução de emissões? Não 7. Emissões históricas Emissões(tCO2e) Ano do inventário Escopo 1 Escopo 2 Qualificação do inventário Escopo ,65 127,85 Prata ,93 96,18 335,93 Prata ,39 150,16 532,73 Prata ,18 336,16 591,59 Prata Anexos Anexo D Inventários de GEE das controladas e unidades 9

10 Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário:

11 Anidro do Brasil Extrações S.A. - Unidade de Secagem Nome fantasia: Anidro do Brasil Extrações S.A. - Unidade de Secagem - CNPJ: / Tipo da empresa: Unidade Setor econômico: 88. Serviços de assistência social sem alojamento - Subsetor: 88. Serviços de assistência social sem alojamento Endereço: Avenida Mario Sartor, 77 - Distrito Industrial I, undefined/são Paulo Responsável pela empresa: Milena Torres Tomás - 1. Dados do inventário Tipo de preenchimento: 1.1 Responsável pela elaboração do inventário Milena Torres Tomás 1.2 do responsável 1.3 Ano do inventário Verificação O Inventário foi verificado por terceira parte? Não 1.5 Tipo do inventário Completo 11

12 2. Limites do inventário Limites Organizacionais Abaixo é apresentada uma lista das unidades da organização e de empresas controladas incluídas neste inventário. É obrigatório o reporte desagregado das emissões das unidades que possuem emissões de escopo 1 iguais ou superiores a tco2e por ano. O reporte das emissões das outras unidades, assim como o de empresas controladas, é opcional. As emissões desagregadas por unidades podem ser encontradas na Seção 3.5 Emissões por unidades de operação. Legenda: Matriz Controlada Unidade [ A Matriz possui o controle operacional? Se não, quem possui? % de participação societária referente à Matriz ] Anidro do Brasil Extrações S.A. - Unidade de Secagem 12

13 2.1 Qual abordagem de consolidação foi utilizada no inventário? Opção 2 - Relato de emissões somente sob a abordagem de Controle Operacional 2.2 Organograma Limites Operacionais 2.3 Limites operacionais reportados no inventário Escopo 1 Combustão estacionária Escopo 2 Aquisição de energia elétrica Combustão móvel Resíduos Fugitivas Escopo 3 7. Deslocamento de funcionários (casa-trabalho) 13

14 3. Emissões Controle Operacional 3.1 Resumo das emissões totais em toneladas do gás em toneladas de CO2-equivalente (tco2e) GEE Escopo 1 Escopo 2 Escopo 3 Escopo 1 Escopo 2 Escopo 3 CO ,25 29,41 44, ,25 29,41 44,48 CH4 0,01 0,29 N2O 0,37 HFCs PFCs SF ,91 29,41 44, Emissões de Escopo 1 desagregadas por categoria Emissões desagregadas por categoria (em tco2e) Categorias Emissões GEE Combustão estacionária Biomassa 742,60 0,05 5,93 Resíduos 278,24 Fugitivas 0, ,91 5,93 Combustão móvel 3.3 Emissões de Escopo 2 desagregadas por categoria Emissões desagregadas por categoria (em tco2e) Categorias Emissões GEE Biomassa Aquisição de energia elétrica 29,41 29, Emissões de Escopo 3 desagregadas por categoria Emissões desagregadas por categoria (em tco2e) Categorias Emissões GEE Biomassa 7. Deslocamento de funcionários (casa-trabalho) 44,48 2,14 44,48 2, Emissões por unidades de operação Unidade de Operação2 Emissões de escopo 1 (tco2e) Emissões de escopo 2 (tco2e) Emissões de escopo 3 (tco2e) 14

15 3.6 Outras Emissões Biomassa As emissões de CO2 originárias da combustão de biomassa podem ser encontradas, por categoria de fonte de emissão, nas seções 3.2, 3.3 e 3.4, de acordo com as categorias reportadas pela organização Outros gases de efeito estufa não controlados pelo Protocolo de Quioto Gás de efeito estufa R-22 Emissão (tco2e) 5, Emissões fora do Brasil Nenhuma emissão de GEE por atividades/operação fora do Brasil foi reportada. 15

16 4. Metodologias utilizadas 4.1 Metodologias e/ou ferramentas inter-setoriais Foi utilizada alguma metodologia e/ou ferramenta inter-setorial além daquelas fornecidas pelo Programa Brasileito de GHG Protocol? Não utiliza. 4.2 Metodologias e/ou ferramentas para setores específicos Foi utilizada alguma metodologia e/ ou ferramenta para setores específicos? Nome da metodologia ou ferramenta Metodologia de Quantificação Referência IPCC 2006 Volume 5 Chapter 6 Wastewater Treatment and Discharge Industrial Wastewater A quais fontes de emissão foi aplicada? Estação de Tratamento de Efluentes 4.3 Fatores de emissão Foi utilizado algum fator de emissão diferente daqueles sugeridos pelo Programa Brasileiro GHG Protocol? Não utiliza. 16

17 5. Outros Elementos 5.1 Informações sobre a performance da empresa: comparação entre benchmarks internos e externos 5.2 Apresentação de indicadores relevantes 5.3 Descrição de programas ou estratégias de redução/gestão de emissões de GEE 5.4 Informações sobre provisões contratuais relacionadas a riscos e obrigações vinculados a GEE 5.5 Informações sobre a qualidade do inventário (por exemplo, informações sobre as causas e magnitude das incertezas nas estimativas das emissões) Alguns pontos causam incerteza na estimativa das emissões deste inventário: a) Na contabilização do item 7 (do escopo 3) Deslocamento de funcionários (casa-trabalho) incluiu-se apenas os dados de combustível dos ônibus fretados, responsáveis pelo transporte da maioria dos colaboradores. O combustível utilizado nos carros dos colaboradores que se deslocam com carro próprio não foi considerado. A quantidade de litros de diesel consumida pelos ônibus foi estimada a partir dos quilômetros percorridos, por uma média de km/l; b) A contabilização das emissões por Viagens a negócios (item 6 do escopo 3) foi concentrada na unidade de extração (matriz) por ser a unidade com maior representatividade nesse item. 5.6 Descrições das políticas em andamento que tratam da melhoria da qualidade do inventário 5.7 Informações sobre o consumo de energia renovável 17

18 6. Compensações e reduções 6.1 Compensação de emissões A organização possui projetos de compensação de emissões? Não 6.2 Reduções de emissões A organização possui projetos de redução de emissões? Não 7. Emissões históricas Emissões(tCO2e) Ano do inventário Escopo ,32 Escopo 2 Qualificação do inventário Escopo 3 43,75 44,48 Prata 18

19 Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário:

20 Anidro do Brasil Extrações S.A. - Unidade Farmoquímica Nome fantasia: Anidro do Brasil Extrações S.A. Unidade Farmoquímica - CNPJ: / Tipo da empresa: Unidade Setor econômico: 88. Serviços de assistência social sem alojamento - Subsetor: 88. Serviços de assistência social sem alojamento Endereço: Rua Pilocarpina, Igaraçu, undefined/piauí Responsável pela empresa: Milena Torres Tomás - 1. Dados do inventário Tipo de preenchimento: 1.1 Responsável pela elaboração do inventário Milena Torres Tomás 1.2 do responsável 1.3 Ano do inventário Verificação O Inventário foi verificado por terceira parte? Não 1.5 Tipo do inventário Completo 20

21 2. Limites do inventário Limites Organizacionais Abaixo é apresentada uma lista das unidades da organização e de empresas controladas incluídas neste inventário. É obrigatório o reporte desagregado das emissões das unidades que possuem emissões de escopo 1 iguais ou superiores a tco2e por ano. O reporte das emissões das outras unidades, assim como o de empresas controladas, é opcional. As emissões desagregadas por unidades podem ser encontradas na Seção 3.5 Emissões por unidades de operação. Legenda: Matriz Controlada Unidade [ A Matriz possui o controle operacional? Se não, quem possui? % de participação societária referente à Matriz ] Anidro do Brasil Extrações S.A. Unidade Farmoquímica 21

22 2.1 Qual abordagem de consolidação foi utilizada no inventário? Opção 2 - Relato de emissões somente sob a abordagem de Controle Operacional 2.2 Organograma Limites Operacionais 2.3 Limites operacionais reportados no inventário Escopo 1 Combustão estacionária Escopo 2 Aquisição de energia elétrica Combustão móvel Fugitivas Escopo 3 22

23 3. Emissões Controle Operacional 3.1 Resumo das emissões totais em toneladas do gás em toneladas de CO2-equivalente (tco2e) GEE Escopo 1 Escopo 2 Escopo 3 Escopo 1 Escopo 2 Escopo 3 CO2 8,12 51,05 8,12 51,05 CH4 0,02 0,37 N2O 1,19 HFCs PFCs SF6 9,67 51, Emissões de Escopo 1 desagregadas por categoria Emissões desagregadas por categoria (em tco2e) Categorias Emissões GEE Biomassa Combustão estacionária 1,24 345,22 Combustão móvel 8,31 1,08 Fugitivas 0,13 9,67 346, Emissões de Escopo 2 desagregadas por categoria Emissões desagregadas por categoria (em tco2e) Categorias Emissões GEE Biomassa Aquisição de energia elétrica 51,05 51, Emissões de Escopo 3 desagregadas por categoria Emissões desagregadas por categoria (em tco2e) Categorias Emissões GEE Biomassa 3.5 Emissões por unidades de operação Unidade de Operação2 Emissões de escopo 1 (tco2e) Emissões de escopo 2 (tco2e) Emissões de escopo 3 (tco2e) 3.6 Outras Emissões 23

24 3.6.1 Biomassa As emissões de CO2 originárias da combustão de biomassa podem ser encontradas, por categoria de fonte de emissão, nas seções 3.2, 3.3 e 3.4, de acordo com as categorias reportadas pela organização Outros gases de efeito estufa não controlados pelo Protocolo de Quioto Gás de efeito estufa R-22 Emissão (tco2e) 77, Emissões fora do Brasil Nenhuma emissão de GEE por atividades/operação fora do Brasil foi reportada. 24

25 4. Metodologias utilizadas 4.1 Metodologias e/ou ferramentas inter-setoriais Foi utilizada alguma metodologia e/ou ferramenta inter-setorial além daquelas fornecidas pelo Programa Brasileito de GHG Protocol? Não utiliza. 4.2 Metodologias e/ou ferramentas para setores específicos Foi utilizada alguma metodologia e/ ou ferramenta para setores específicos? Não utiliza. 4.3 Fatores de emissão Foi utilizado algum fator de emissão diferente daqueles sugeridos pelo Programa Brasileiro GHG Protocol? Não utiliza. 25

26 5. Outros Elementos 5.1 Informações sobre a performance da empresa: comparação entre benchmarks internos e externos 5.2 Apresentação de indicadores relevantes 5.3 Descrição de programas ou estratégias de redução/gestão de emissões de GEE A Centroflora tem optado quando possível pelo consumo de energia renovável. Em sua unidade Farmoquímica, há alguns anos, já tem utilizado como combustível em caldeiras o LCC, óleo derivado da castanha de caju, muito comum da região em que está situada em substituição ao óleo BPF, derivado do petróleo. Consumindo esse biocombustível de alto poder calorífico, retirado da casca da castanha durante seu processo de beneficiamento, contribuímos para o maior aproveitamento da castanha, diminuindo o resíduo final do fornecedor. 5.4 Informações sobre provisões contratuais relacionadas a riscos e obrigações vinculados a GEE 5.5 Informações sobre a qualidade do inventário (por exemplo, informações sobre as causas e magnitude das incertezas nas estimativas das emissões) Alguns pontos causam incerteza na estimativa das emissões deste inventário: a) Alguns solventes usados na unidade farmoquímica geram NMVOCs (non-methane volatile organic compounds) e VOCs (volatile organic compounds). Esses compostos não são GEE mas podem ser precursores, ou seja, podem, na atmosfera se transformar em GEE. O IPCC não oferece fatores de emissão para solventes, apenas mostra um método de contabilização. Em muitos casos sequer existe método de conversão, ou o mesmo é negligenciado, por ser pouco significativo. No caso do Grupo Centroflora, a quantidade utilizada é pequena, sendo pouco significativa. Além disto, não existem métodos precisos para chegar a um valor de emissão e em seguida em CO2e; b) A contabilização das emissões por Viagens a negócios (item 6 do escopo 3) foi concentrada na unidade de extração (matriz) por ser a unidade com maior representatividade nesse item; c) Não encontramos valor de conversão para o óleo de Castanha de Caju, portanto, sua emissão foi estimada a partir do Biodiesel (B100). 5.6 Descrições das políticas em andamento que tratam da melhoria da qualidade do inventário 5.7 Informações sobre o consumo de energia renovável 26

27 6. Compensações e reduções 6.1 Compensação de emissões A organização possui projetos de compensação de emissões? Não 6.2 Reduções de emissões A organização possui projetos de redução de emissões? Não 7. Emissões históricas Emissões(tCO2e) Ano do inventário Escopo Escopo 2 9,54 Qualificação do inventário Escopo 3 59,16 Prata 27

28 Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário:

29 Anidro do Brasil Extrações S.A. - Unidade Óleos Essenciais e Agrícola Nome fantasia: Anidro do Brasil Extrações S.A. Unidade Óleos Essenciais e Agrícola - CNPJ: / Tipo da empresa: Unidade Setor econômico: C. Indústrias de transformação - Subsetor: 21. Fabricação de produtos farmoquímicos e farmacêuticos Endereço: Lc Barroca, 33 - EBV 05 - Bairro Rural, undefined/acre Responsável pela empresa: Milena Torres Tomás - 1. Dados do inventário Tipo de preenchimento: 1.1 Responsável pela elaboração do inventário Milena Torres Tomás 1.2 do responsável 1.3 Ano do inventário Verificação O Inventário foi verificado por terceira parte? Não 1.5 Tipo do inventário Completo 29

30 2. Limites do inventário Limites Organizacionais Abaixo é apresentada uma lista das unidades da organização e de empresas controladas incluídas neste inventário. É obrigatório o reporte desagregado das emissões das unidades que possuem emissões de escopo 1 iguais ou superiores a tco2e por ano. O reporte das emissões das outras unidades, assim como o de empresas controladas, é opcional. As emissões desagregadas por unidades podem ser encontradas na Seção 3.5 Emissões por unidades de operação. Legenda: Matriz Controlada Unidade [ A Matriz possui o controle operacional? Se não, quem possui? % de participação societária referente à Matriz ] Anidro do Brasil Extrações S.A. Unidade Óleos Essenciais e Agrícola 30

31 2.1 Qual abordagem de consolidação foi utilizada no inventário? Opção 2 - Relato de emissões somente sob a abordagem de Controle Operacional 2.2 Organograma Limites Operacionais 2.3 Limites operacionais reportados no inventário Escopo 1 Combustão estacionária Escopo 2 Aquisição de energia elétrica Resíduos Fugitivas Agrícolas Escopo 3 31

32 3. Emissões Controle Operacional 3.1 Resumo das emissões totais em toneladas do gás em toneladas de CO2-equivalente (tco2e) GEE Escopo 1 Escopo 2 Escopo 3 Escopo 1 Escopo 2 Escopo 3 CO2 142,01 2,86 142,01 2,86 CH4 0,01 0,26 N2O 0,52 HFCs PFCs SF6 142,79 2, Emissões de Escopo 1 desagregadas por categoria Emissões desagregadas por categoria (em tco2e) Categorias Emissões GEE Combustão estacionária Biomassa 0,80 44,20 Resíduos 141,15 Fugitivas 0,01 Agrícolas 0,84 142,79 44, Emissões de Escopo 2 desagregadas por categoria Emissões desagregadas por categoria (em tco2e) Categorias Emissões GEE Biomassa Aquisição de energia elétrica 2,86 2, Emissões de Escopo 3 desagregadas por categoria Emissões desagregadas por categoria (em tco2e) Categorias Emissões GEE Biomassa 3.5 Emissões por unidades de operação Unidade de Operação2 Emissões de escopo 1 (tco2e) Emissões de escopo 2 (tco2e) Emissões de escopo 3 (tco2e) 32

33 3.6 Outras Emissões Biomassa As emissões de CO2 originárias da combustão de biomassa podem ser encontradas, por categoria de fonte de emissão, nas seções 3.2, 3.3 e 3.4, de acordo com as categorias reportadas pela organização Outros gases de efeito estufa não controlados pelo Protocolo de Quioto Gás de efeito estufa R-22 Emissão (tco2e) 1, Emissões fora do Brasil Nenhuma emissão de GEE por atividades/operação fora do Brasil foi reportada. 33

34 4. Metodologias utilizadas 4.1 Metodologias e/ou ferramentas inter-setoriais Foi utilizada alguma metodologia e/ou ferramenta inter-setorial além daquelas fornecidas pelo Programa Brasileito de GHG Protocol? Não utiliza. 4.2 Metodologias e/ou ferramentas para setores específicos Foi utilizada alguma metodologia e/ ou ferramenta para setores específicos? Nome da metodologia ou ferramenta Referência A quais fontes de emissão foi aplicada? Metodologia de quantificação IPCC Volume 5 - Chapter 4 - Biological Treatment of Solid Waste Compostagem Metodologia de quantificação IPCC 2006 Volume 4 - Chapter 11- N2O Emissions from Managed Soils, and CO2 Emissions from Lime and Urea Application Preparo do solo 4.3 Fatores de emissão Foi utilizado algum fator de emissão diferente daqueles sugeridos pelo Programa Brasileiro GHG Protocol? Não utiliza. 34

35 5. Outros Elementos 5.1 Informações sobre a performance da empresa: comparação entre benchmarks internos e externos 5.2 Apresentação de indicadores relevantes 5.3 Descrição de programas ou estratégias de redução/gestão de emissões de GEE Esta unidade opta pela utilização de lenha como combustível para caldeira. 5.4 Informações sobre provisões contratuais relacionadas a riscos e obrigações vinculados a GEE 5.5 Informações sobre a qualidade do inventário (por exemplo, informações sobre as causas e magnitude das incertezas nas estimativas das emissões) Alguns pontos causam incerteza na estimativa das emissões deste inventário: a) A emissão da Estação de Tratamento de Efluentes da unidade do Piauí foi desconsiderada devido aos dados imprecisos e incompletos para fazer o cálculo independente da ferramenta, uma vez que a ferramenta apenas inclui ETE anaeróbia e a unidade apresenta ETE aeróbia; b) A contabilização das emissões por Viagens a negócios (item 6 do escopo 3) foi concentrada na unidade de extração (matriz) por ser a unidade com maior representatividade nesse item; c) Combustível utilizado nos tratores e nos costais apresentam falhas, medidas já foram tomadas para a inclusão desses dados no próximo inventário. 5.6 Descrições das políticas em andamento que tratam da melhoria da qualidade do inventário 5.7 Informações sobre o consumo de energia renovável 35

36 6. Compensações e reduções 6.1 Compensação de emissões A organização possui projetos de compensação de emissões? Não 6.2 Reduções de emissões A organização possui projetos de redução de emissões? Não 7. Emissões históricas Emissões(tCO2e) Ano do inventário Escopo Escopo 2 266,42 Qualificação do inventário Escopo 3 5,92 Prata 36

37 Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário:

38 Anidro do Brasil Extrações S.A.. - Escritório Comercial Nome fantasia: Anidro do Brasil Extrações S.A.. Escritório Comercial - CNPJ: / Tipo da empresa: Unidade Setor econômico: C. Indústrias de transformação - Subsetor: 21. Fabricação de produtos farmoquímicos e farmacêuticos Endereço: Alameda Rio Negro, º andar - Sala Alphaville, undefined/são Paulo Responsável pela empresa: Milena Torres Tomás - 1. Dados do inventário Tipo de preenchimento: 1.1 Responsável pela elaboração do inventário Milena Torres Tomás 1.2 do responsável 1.3 Ano do inventário Verificação O Inventário foi verificado por terceira parte? Não 1.5 Tipo do inventário Completo 38

39 2. Limites do inventário Limites Organizacionais Abaixo é apresentada uma lista das unidades da organização e de empresas controladas incluídas neste inventário. É obrigatório o reporte desagregado das emissões das unidades que possuem emissões de escopo 1 iguais ou superiores a tco2e por ano. O reporte das emissões das outras unidades, assim como o de empresas controladas, é opcional. As emissões desagregadas por unidades podem ser encontradas na Seção 3.5 Emissões por unidades de operação. Legenda: Matriz Controlada Unidade [ A Matriz possui o controle operacional? Se não, quem possui? % de participação societária referente à Matriz ] Anidro do Brasil Extrações S.A.. Escritório Comercial 39

40 2.1 Qual abordagem de consolidação foi utilizada no inventário? Opção 2 - Relato de emissões somente sob a abordagem de Controle Operacional 2.2 Organograma Limites Operacionais 2.3 Limites operacionais reportados no inventário Escopo 1 Combustão móvel Escopo 2 Aquisição de energia elétrica Fugitivas Escopo 3 40

41 3. Emissões Controle Operacional 3.1 Resumo das emissões totais em toneladas do gás em toneladas de CO2-equivalente (tco2e) GEE Escopo 1 Escopo 2 Escopo 3 Escopo 1 Escopo 2 Escopo 3 CO2 76,66 0,44 76,66 0,44 CH4 0,12 2,49 N2O 1,45 HFCs PFCs SF6 80,60 0, Emissões de Escopo 1 desagregadas por categoria Emissões desagregadas por categoria (em tco2e) Categorias Emissões GEE Combustão móvel Fugitivas Biomassa 80,46 2,37 0,14 80,60 2, Emissões de Escopo 2 desagregadas por categoria Emissões desagregadas por categoria (em tco2e) Categorias Emissões GEE Biomassa Aquisição de energia elétrica 0,44 0, Emissões de Escopo 3 desagregadas por categoria Emissões desagregadas por categoria (em tco2e) Categorias Emissões GEE Biomassa 3.5 Emissões por unidades de operação Unidade de Operação2 Emissões de escopo 1 (tco2e) Emissões de escopo 2 (tco2e) Emissões de escopo 3 (tco2e) 3.6 Outras Emissões Biomassa 41

42 As emissões de CO2 originárias da combustão de biomassa podem ser encontradas, por categoria de fonte de emissão, nas seções 3.2, 3.3 e 3.4, de acordo com as categorias reportadas pela organização Outros gases de efeito estufa não controlados pelo Protocolo de Quioto Nenhuma emissão de outros GEE não controlados pelo Protocolo de Quioto foi reportada. 3.7 Emissões fora do Brasil Nenhuma emissão de GEE por atividades/operação fora do Brasil foi reportada. 42

43 4. Metodologias utilizadas 4.1 Metodologias e/ou ferramentas inter-setoriais Foi utilizada alguma metodologia e/ou ferramenta inter-setorial além daquelas fornecidas pelo Programa Brasileito de GHG Protocol? Não utiliza. 4.2 Metodologias e/ou ferramentas para setores específicos Foi utilizada alguma metodologia e/ ou ferramenta para setores específicos? Não utiliza. 4.3 Fatores de emissão Foi utilizado algum fator de emissão diferente daqueles sugeridos pelo Programa Brasileiro GHG Protocol? Não utiliza. 43

44 5. Outros Elementos 5.1 Informações sobre a performance da empresa: comparação entre benchmarks internos e externos 5.2 Apresentação de indicadores relevantes 5.3 Descrição de programas ou estratégias de redução/gestão de emissões de GEE 5.4 Informações sobre provisões contratuais relacionadas a riscos e obrigações vinculados a GEE 5.5 Informações sobre a qualidade do inventário (por exemplo, informações sobre as causas e magnitude das incertezas nas estimativas das emissões) Alguns pontos causam incerteza na estimativa das emissões deste inventário: a) O escritório comercial ocupa uma sala dentro de um prédio comercial cuja contabilização de efluentes líquidos (efluentes), lixo aterrado (resíduos sólidos) e ar condicionado (emissões fugitivas) não é de controle nem propriedade do Grupo Centroflora, mas sim, de terceiros (por exemplo, administração do prédio). Tais emissões são consideradas indiretas (escopo 3) da unidade e diretas (escopo 1) do prédio; b) A contabilização das emissões por Viagens a negócios (item 6 do escopo 3) foi concentrada na Unidade II por ser a unidade com maior representatividade nesse item; c) O edifício no qual este escritório se encontra contêm um gerador de energia cuja emissão foi desconsiderada pois sua estimativa resultou em menos de 5% do total do escopo 1 (0,24 L de diesel/ano). 5.6 Descrições das políticas em andamento que tratam da melhoria da qualidade do inventário 5.7 Informações sobre o consumo de energia renovável 44

45 6. Compensações e reduções 6.1 Compensação de emissões A organização possui projetos de compensação de emissões? Não 6.2 Reduções de emissões A organização possui projetos de redução de emissões? Não 7. Emissões históricas Emissões(tCO2e) Ano do inventário Escopo Escopo 2 0,02 Qualificação do inventário Escopo 3 0,79 Prata 45

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2013 Anidro do Brasil Extrações S/A Nome fantasia: Grupo Centroflora - CNPJ: 66.715.459/0002-60 Tipo da empresa: Holding

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2014 MULTIDISPLAY COMERCIO E SERVICOS TECNOLOGICOS S.A. Nome fantasia: MULTIDISPLAY COMERCIO E SERVICOS TECNOLOGICOS S.A.

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2014 B2W - Companhia Digital Nome fantasia: B2W - CNPJ: 00.776.574/0001-56 Tipo da empresa: Controlada Setor econômico:

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2014

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2014 Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2014 Lojas Americanas SA Nome fantasia: Lojas Americanas - CNPJ: 33.014.556/0001-96 Tipo da empresa: Matriz Setor econômico:

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2012

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2012 Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2012 Plural Editora e Gráfica Ltda. Nome fantasia: Plural - CNPJ: 01.306.088/0001-37 Tipo da empresa: Holding Setor econômico:

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2014. Inventário Parcial

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2014. Inventário Parcial Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2014 1. Dados do inventário Banco Santander S.A. (Brasil) Tipo de preenchimento: 1.1 Responsável pela elaboração do inventário

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2013

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2013 Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2013 Deloitte Touche Tohmatsu Auditores Independentes - Fortaleza Nome fantasia: Deloitte - Fortaleza - CNPJ: 49.928.567/0013-55

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2013 B2W - Companhia Digital Nome fantasia: B2W - CNPJ: 00.776.574/0001-56 Tipo da empresa: Controlada Setor econômico:

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2013 Ford Nome fantasia: Ford - CNPJ: 03.470.727/0001-20 Tipo da empresa: Matriz Setor econômico: C. Indústrias de transformação

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2011

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2011 Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2011 Mercur S/A Nome fantasia: Mercur - CNPJ: 93.896.397/0001-22 Tipo da empresa: Matriz Setor econômico: C. Indústrias

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2012 JBS Nome fantasia: JBS S/A - CNPJ: 02.916.265/0001-60 Tipo da empresa: Holding Setor econômico: C. Indústrias de

Leia mais

Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa [Quimicryl S/A] [2013]

Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa [Quimicryl S/A] [2013] Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa [Quimicryl S/A] [2013] INVENTÁRIO: X Completo INVENTÁRIO VERIFICADO POR: X Terceira parte Data: 10/03/2014 Preparador de Relatório: EGGEE/Quimicryl Simone

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2009 Natura Cosméticos S/A Nome fantasia: Natura Cosmeticos SA - CNPJ: 71.673.990/0001-77 Tipo da empresa: Matriz Setor

Leia mais

Inventário de Gases de Efeito Estufa do Festival de Turismo das Cataratas do Iguaçu 2015

Inventário de Gases de Efeito Estufa do Festival de Turismo das Cataratas do Iguaçu 2015 Inventário de Gases de Efeito Estufa do Festival de Turismo das Cataratas do Iguaçu 2015 Nome da instituição: De Angeli Feiras & Eventos Tipo de instituição: Evento Setor econômico: Turismo Endereço: Edifício

Leia mais

INVENTÁRIO: Completo Preliminar. INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada

INVENTÁRIO: Completo Preliminar. INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa RL Sistemas de Higiene Ltda. 2009 INVENTÁRIO: Completo Preliminar INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2012

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2012 Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2012 Patrus Transportes Urgentes Ltda Nome fantasia: Patrus Transportes - CNPJ: 17.463.456/0013-24 Tipo da empresa: Matriz

Leia mais

Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa

Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa VIVO S/A 2009 INVENTÁRIO: Completo Preliminar INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada Data: 22/06/2010

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2014 JBS Nome fantasia: JBS S/A - CNPJ: 02.916.265/0001-60 Tipo da empresa: Matriz Setor econômico: C. Indústrias de transformação

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2014 Banco Bradesco S.A Nome fantasia: Organização Bradesco - CNPJ: 60.746.948/0001-12 Tipo da empresa: Matriz Setor econômico:

Leia mais

Relatório de Emissões de Gases de Efeito Estufa da TKCSA

Relatório de Emissões de Gases de Efeito Estufa da TKCSA Relatório de Emissões de Gases de Efeito Estufa da TKCSA 2010 Preparado Por ThyssenKrupp CSA Siderúrgica do Atlântico Avenida João XXIII, Santa Cruz Rio de Janeiro, RJ CEP 2356-352 Tel (21) 2141-2550 Thyssenkrupp-csa.com.br

Leia mais

JULIETA ALCIATI DEPARTAMENTO DE RELAÇÕES COM O MERCADO

JULIETA ALCIATI DEPARTAMENTO DE RELAÇÕES COM O MERCADO JULIETA ALCIATI DEPARTAMENTO DE RELAÇÕES COM O MERCADO Agenda Introdução Definição dos limites de um inventário de emissões de Gases de Efeito Estufa Limites Operacionais Identificando e Calculando emissões

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2013 Anidro do Brasil Extrações S/A Nome fantasia: Grupo Centroflora - CNPJ: 66.715.459/0002-60 Tipo da empresa: Matriz

Leia mais

INVENTÁRIO: Completo Preliminar. INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada

INVENTÁRIO: Completo Preliminar. INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada Inventário das de Gases de Efeito Estufa SADIA S/A 2009 INVENTÁRIO: Completo Preliminar INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada Data: 01/04/2010 Preparador

Leia mais

Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa [Gazin Auto Posto] [2012]

Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa [Gazin Auto Posto] [2012] Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa [Gazin Auto Posto] [2012] INVENTÁRIO: X Completo INVENTÁRIO VERIFICADO POR: X Terceira parte Data: 21/01/2014 Preparador de Relatório: EGGEE/GAZIN Airton

Leia mais

Inventário das emissões de gases de efeito estufa. Unilever Brasil Ltda 2010 21/07/2011 15:52

Inventário das emissões de gases de efeito estufa. Unilever Brasil Ltda 2010 21/07/2011 15:52 Inventário das emissões de gases de efeito estufa Unilever Brasil Ltda 2010 A - DADOS DA EMPRESA Unilever Brasil Ltda Endereço: Avenida Presidente Juscelino Kubitschek, Itaim Bibi, 1309 - Cidade: São Paulo

Leia mais

Relatório de Emissões de Gases de Efeito Estufa da TKCSA

Relatório de Emissões de Gases de Efeito Estufa da TKCSA Relatório de Emissões de Gases de Efeito Estufa da TKCSA 2011 Preparado Por ThyssenKrupp CSA Siderúrgica do Atlântico Avenida João XXIII, Santa Cruz Rio de Janeiro, RJ CEP 2356-352 Tel (21) 2141-2550 Thyssenkrupp-csa.com.br

Leia mais

Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa

Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa LOJAS AMERICANAS S.A. 2010 Item na versão 2008 Item na versão 2009 Lista de modificações 2008-2009 Modificação nesta versão 1 1 Inserção de box com multipla

Leia mais

INVENTÁRIO: Completo Preliminar. INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada

INVENTÁRIO: Completo Preliminar. INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa Companhia Energética de São Paulo - CESP 2009 INVENTÁRIO: Completo Preliminar INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2014 Anidro do Brasil Extrações S/A Nome fantasia: Grupo Centroflora - CNPJ: 66.715.459/0002-60 Tipo da empresa: Matriz

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2010

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2010 Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2010 PepsiCo do Brasil Ltda Nome fantasia: PepsiCo do Brasil Ltda - CNPJ: 71.303.141/0001-21 Tipo da empresa: Matriz Setor

Leia mais

Inventário Corporativo de Emissões Diretas e Indiretas de Gases de Efeito Estufa (GEE) Ano referência: Emissões de 2010

Inventário Corporativo de Emissões Diretas e Indiretas de Gases de Efeito Estufa (GEE) Ano referência: Emissões de 2010 Inventário Corporativo de Emissões Diretas e Indiretas de Gases de Efeito Estufa (GEE) Ano referência: Emissões de 2010 Resumo Este documento apresenta o Inventário corporativo de Emissões Diretas e Indiretas

Leia mais

INVENTÁRIO: Completo Preliminar. INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada

INVENTÁRIO: Completo Preliminar. INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa Banco do Brasil S/A 2009 INVENTÁRIO: Completo Preliminar INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada Data:

Leia mais

Relatório de Emissões de Gases de Efeito Estufa da TKCSA

Relatório de Emissões de Gases de Efeito Estufa da TKCSA Relatório de Emissões de Gases de Efeito Estufa da TKCSA 2012 Preparado Por ThyssenKrupp CSA Siderúrgica do Atlântico Avenida João XXIII, Santa Cruz Rio de Janeiro, RJ CEP 2356-352 Tel (21) 2141-2550 Thyssenkrupp-csa.com.br

Leia mais

Participação dos Setores Socioeconômicos nas Emissões Totais do Setor Energia

Participação dos Setores Socioeconômicos nas Emissões Totais do Setor Energia INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA DO ESTADO DE MINAS GERAIS ANO BASE 2005 O Governo do Estado, por meio da Fundação Estadual de Meio Ambiente FEAM, entidade da Secretaria Estadual de Meio

Leia mais

Linha Economia Verde

Linha Economia Verde Linha Economia Verde QUEM SOMOS Instituição Financeira do Estado de São Paulo, regulada pelo Banco Central, com inicio de atividades em Março/2009 Instrumento institucional de apoio àexecução de políticas

Leia mais

INVENTÁRIO: Completo Preliminar. INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada

INVENTÁRIO: Completo Preliminar. INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa Cosmeticos SA 2009 INVENTÁRIO: Completo Preliminar INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada Data: 20/04/2010

Leia mais

Inventário de Gases de Efeito Estufa (GEE) do Grupo Abril -2010-

Inventário de Gases de Efeito Estufa (GEE) do Grupo Abril -2010- Inventário de Gases de Efeito Estufa (GEE) do Grupo Abril -2010- ÍNDICE Impactos das Mudanças Climáticas Conceitos Inventário de Gases de Efeito Estufa do Grupo Abril Ano 2010 Impactos das Mudanças Climáticas

Leia mais

Versão Web Inventário Corporativo de Gases de Efeito Estufa

Versão Web Inventário Corporativo de Gases de Efeito Estufa Versão Web Inventário Corporativo de Gases de Efeito Estufa Gerente do Projeto: Luis F. M. Serrano Consultor: Victor Sette Gripp Período de Referência: 2012 São Paulo, Abril de 2013 Elaboração: INTRODUÇÃO

Leia mais

INVENTÁRIO: Completo Preliminar. INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada

INVENTÁRIO: Completo Preliminar. INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa PepsiCo do Brasil Ltda. 2009 INVENTÁRIO: Completo Preliminar INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada

Leia mais

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA Versão resumida BANCO BRADESCO S.A.

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA Versão resumida BANCO BRADESCO S.A. INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA Versão resumida BANCO BRADESCO S.A. 2008 1 Inventário de GEE O Inventário de Emissões Diretas e Indiretas de Gases de Efeito Estufa (GEE) permite que uma

Leia mais

Inventário Corporativo de Emissões Diretas e Indiretas de Gases de Efeito Estufa (GEE) Ano referência: Emissões de 2011

Inventário Corporativo de Emissões Diretas e Indiretas de Gases de Efeito Estufa (GEE) Ano referência: Emissões de 2011 Inventário Corporativo de Emissões Diretas e Indiretas de Gases de Efeito Estufa (GEE) Ano referência: Emissões de 2011 Resumo Este documento apresenta o Inventário corporativo de Emissões Diretas e Indiretas

Leia mais

estufa para setores agropecuários

estufa para setores agropecuários Simpósio de Mercado de Carbono pós COP15 e Código Florestal para o Sistema Cooperativista Inventário de gases de efeito fi estufa para setores agropecuários Inventário de gases de efeito estufa para setores

Leia mais

Inventário Municipal de Emissões de GEE Belo Horizonte. João Marcelo Mendes jmendes@waycarbon.com

Inventário Municipal de Emissões de GEE Belo Horizonte. João Marcelo Mendes jmendes@waycarbon.com Inventário Municipal de Emissões de GEE Belo Horizonte João Marcelo Mendes jmendes@waycarbon.com Sobre a WayCarbon 7 anos no mercado sul-americano de consultoria em mudanças climáticas Portifólio de projetos

Leia mais

3 Emissões de Gases de Efeito Estufa

3 Emissões de Gases de Efeito Estufa 3 Emissões de Gases de Efeito Estufa 3.1. Metodologia Neste capítulo, com base na Matriz Energética do Estado do Rio de Janeiro, é apresentada a metodologia utilizada para as estimativas de emissões de

Leia mais

INVENTÁRIO: Completo Preliminar. INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada

INVENTÁRIO: Completo Preliminar. INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa AmBev 2009 INVENTÁRIO: Completo Preliminar INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada Data: 07/05/2010

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2011 SAP Brasil Ltda Nome fantasia: SAP Brasil - CNPJ: 74.544.297/0001-92 Tipo da empresa: Matriz Setor econômico: J.

Leia mais

Inventário de Emissões de Gases de Efeito Estufa da Fundação Planetário da Cidade do Rio de Janeiro. Ano de Referência 2013

Inventário de Emissões de Gases de Efeito Estufa da Fundação Planetário da Cidade do Rio de Janeiro. Ano de Referência 2013 Inventário de Emissões de Gases de Efeito Estufa da Fundação Planetário da Cidade do Rio de Janeiro Ano de Referência 2013 Junho de 2014 RELATÓRIO TÉCNICO Inventário de Gases de Efeito Estufa da Fundação

Leia mais

Versão Web Inventário Corporativo de Gases de Efeito Estufa

Versão Web Inventário Corporativo de Gases de Efeito Estufa Inventário Corporativo de Gases do Efeito Estufa 2011 Versão Web Inventário Corporativo de Gases de Efeito Estufa Gerente do Projeto: Iris Gobato Gercov Consultora: Adriane Elise de Assunção Flausino Consultor:

Leia mais

Inventário de Gases de Efeito Estufa da Fundação Planetário da Cidade do Rio de Janeiro

Inventário de Gases de Efeito Estufa da Fundação Planetário da Cidade do Rio de Janeiro RELATÓRIO TÉCNICO Inventário de Gases de Efeito Estufa da Fundação Planetário da Cidade do Rio de Janeiro Ano de referência: 2012 Outubro de 2013 RIO DE JANEIRO - RJ Rio de Janeiro RJ. Telefone: +55-21-3256-7968

Leia mais

Inventário de Gases de Efeito Estufa do Festival de Turismo das Cataratas do Iguaçu 2013

Inventário de Gases de Efeito Estufa do Festival de Turismo das Cataratas do Iguaçu 2013 Inventário de Gases de Efeito Estufa do Festival de Turismo das Cataratas do Iguaçu 2013 Sumário 1. APRESENTAÇÃO... 2 2. GHG PROTOCOL... 2 2.1 Premissas... 3 2.1.1 Definições... 3 2.1.1.1. Período... 3

Leia mais

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA CORPORATIVAS UNIMED CUIABÁ

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA CORPORATIVAS UNIMED CUIABÁ INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA CORPORATIVAS UNIMED CUIABÁ Abril de 2015 Sumário Resumo Executivo 03 1. INTRODUÇÃO 04 2. IDENTIFICAÇÃO DA INSTITUIÇÃO 06 3. OBJETIVO 06 4. MATERIAL E MÉTODOS

Leia mais

Inventário de emissões de gases de efeito estufa

Inventário de emissões de gases de efeito estufa Inventário de emissões de gases de efeito estufa Ano inventariado: 2015 JBS Couros Nome fantasia: JBS Couros CNPJ: 02.916.265/0089-00 Setor econômico: Indústrias de transformação Subsetor: Indústrias de

Leia mais

INVENTÁRIO: Completo Preliminar. INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada

INVENTÁRIO: Completo Preliminar. INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa Banco Bradesco S.A. 2009 INVENTÁRIO: Completo Preliminar INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte acreditada Data:

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2014

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2014 Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2014 Strong Consultoria Empresarial e Participações Ltda (SCEP.A.RAP290) Nome fantasia: STRONG (SCEP.A.RAP290) - CNPJ:

Leia mais

BM&FBOVESPA S.A. Inventário de GEE Corporativo BM&FBOVESPA 2014. Apresentação de Resultados. 27 de maio de 2015

BM&FBOVESPA S.A. Inventário de GEE Corporativo BM&FBOVESPA 2014. Apresentação de Resultados. 27 de maio de 2015 BM&FBOVESPA S.A. Inventário de GEE Corporativo BM&FBOVESPA 2014 Apresentação de Resultados 27 de maio de 2015 Inventário de GEE Corporativo BM&FBOVESPA 2014 Equipe responsável Sonia Favaretto Luiza Nunes

Leia mais

Gestão dos Gases de Efeito Estufa

Gestão dos Gases de Efeito Estufa Gestão dos Gases de Efeito Estufa Um Novo Mercado para Pequenas e Médias Empresas 29 de Outubro 2013 FIBRA COMPONENTE 2 Gestão dos Gases de Efeito Estufa: Desenvolvimento e Implementação do Programa de

Leia mais

Evento Anual 2015. Programa Brasileiro GHG Protocol

Evento Anual 2015. Programa Brasileiro GHG Protocol Evento Anual 2015 Programa Brasileiro GHG Protocol Agenda 9h30 Abertura 9h40 Resultados do Ciclo 2015 10h10 11h10 11h35 11h45 11h55 12h00 Painel: Por que e como as empresas estão reduzindo suas emissões

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2011

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2011 Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2011 CTR ITABORAÍ - CENTRO DE TRATAMENTO DE RESÍDUOS DE ITABORAÍ LTDA Nome fantasia: CTR Itaboraí - CNPJ: 09.014.794/0001-17

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2014

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2014 Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2014 Lojas Americanas SA Nome fantasia: Lojas Americanas - CNPJ: 33.014.556/0001-96 Tipo da empresa: Matriz Setor econômico:

Leia mais

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA IPOJUCATUR TRANSPORTES E TURISMO LTDA ANO BASE 2009

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA IPOJUCATUR TRANSPORTES E TURISMO LTDA ANO BASE 2009 INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA IPOJUCATUR TRANSPORTES E TURISMO LTDA ANO BASE 2009 ÍNDICE 1. A Empresa 03 2. Objetivo 03 3. Inventário segundo a ISO 14.064-01 03 4. Identificação dos

Leia mais

Inventário Municipal de Emissões e Remoções Antrópicas de Gases de Efeito Estufa (GEE) e outros Produtos no Município de São Paulo

Inventário Municipal de Emissões e Remoções Antrópicas de Gases de Efeito Estufa (GEE) e outros Produtos no Município de São Paulo Inventário Municipal de Emissões e Remoções Antrópicas de Gases de Efeito Estufa (GEE) e outros Produtos no Município de São Paulo Apoio Organização Realização Política de clima e inventário de GEE de

Leia mais

Departamento de Engenharia Elétrica Disciplina: Geração, Transmissão e Distribuição de Energia Elétrica. Biomassa

Departamento de Engenharia Elétrica Disciplina: Geração, Transmissão e Distribuição de Energia Elétrica. Biomassa Universidade Federal do Ceará Departamento de Engenharia Elétrica Disciplina: Geração, Transmissão e Distribuição de Energia Elétrica Universidade Federal do Ceará Biomassa Professora: Ruth Pastôra Saraiva

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2011

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2011 Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2011 Esco Brasil Nome fantasia: Esco Brasil - CNPJ: 17.403.551/0001-07 Tipo da empresa: Matriz Setor econômico: C. Indústrias

Leia mais

Inventário de emissões de gases de efeito estufa

Inventário de emissões de gases de efeito estufa Inventário de emissões de gases de efeito estufa Ano inventariado: 2015 JBS Couros Nome fantasia: JBS Couros CNPJ: 02.916.265/0089-00 Setor econômico: Indústrias de transformação Subsetor: Indústrias de

Leia mais

O projeto de Neutralização das Emissões de Carbono do Camarote Expresso 2222 envolve as seguintes etapas:

O projeto de Neutralização das Emissões de Carbono do Camarote Expresso 2222 envolve as seguintes etapas: Relatório de Emissões de Carbono Camarote Expresso 2222 Carnaval Salvador 2010 Introdução As atividades da humanidade têm aumentado como nunca visto a concentração de gases poluidores na atmosfera. Alguns

Leia mais

Inventário de Emissão de Gases de Efeito Estufa

Inventário de Emissão de Gases de Efeito Estufa Inventário de de Gases de Efeito Estufa Projeto Coral Vivo Priscila G. C. Sette Moreira CREA 49.354/D Inventário de de Gases de Efeito Estufa 1 Introduça o A variação do clima é um fenômeno natural que

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2012 Moto Honda da Amazônia LTDA Nome fantasia: Moto Honda da Amazônia - CNPJ: 04.337.168/0001-48 Tipo da empresa: Matriz

Leia mais

Sumário. Resumo Executivo 1 INTRODUÇÃO 04 2. IDENTIFICAÇÃO DA INSTITUIÇÃO 06 3. OBJETIVO 06 4. MATERIAL E MÉTODOS 06. 4.1 Limites Organizacionais 06

Sumário. Resumo Executivo 1 INTRODUÇÃO 04 2. IDENTIFICAÇÃO DA INSTITUIÇÃO 06 3. OBJETIVO 06 4. MATERIAL E MÉTODOS 06. 4.1 Limites Organizacionais 06 INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA CORPORATIVAS UNIMED dezembro de 2011. Sumário Resumo Executivo 03 1 INTRODUÇÃO 04 2. IDENTIFICAÇÃO DA INSTITUIÇÃO 06 3. OBJETIVO 06 4. MATERIAL E MÉTODOS

Leia mais

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA CORPORATIVAS UNIMED CUIABÁ

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA CORPORATIVAS UNIMED CUIABÁ INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA CORPORATIVAS UNIMED CUIABÁ Abril de 2016 Av. Historiador Rubens de Mendonça, 4193 Bosque da Saúde Cuiabá/MT www.acaoverde.org.br (65) 3611 1606 Sumário

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2013

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2013 Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2013 Plural Indústria Gráfica Ltda. Nome fantasia: Plural - CNPJ: 03.858.331/0001-55 Tipo da empresa: Holding Setor econômico:

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2013

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2013 Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2013 Obra 257 - Construtora Aterpa M.Martins S/A Nome fantasia: Obra 257 Construtora Aterpa MMartins S/A - CNPJ: 17.162.983/0001-65

Leia mais

Empresas brasileiras emitiram 85,2 milhões de toneladas de gases de efeito estufa no ano passado

Empresas brasileiras emitiram 85,2 milhões de toneladas de gases de efeito estufa no ano passado Empresas brasileiras emitiram 85,2 milhões de toneladas de gases de efeito estufa no ano passado (Dados divulgados hoje no lançamento do programa Empresas pelo Clima, do GVCes, estão disponíveis em www.fgv.br/ces/epc

Leia mais

Inventário de emissões de gases de efeito estufa

Inventário de emissões de gases de efeito estufa Inventário de emissões de gases de efeito estufa Ano inventariado: 2015 JBS Carnes Nome fantasia: JBS Carnes CNPJ: 02.916.265/0086-59 Setor econômico: Indústrias de transformação Subsetor: Indústrias de

Leia mais

Inovação da Gestão em Saneamento IGS

Inovação da Gestão em Saneamento IGS Prêmio Nacional da Qualidade em Saneamento PNQS Inovação da Gestão em Saneamento IGS GESTÃO DE GASES DE EFEITO ESTUFA (GEE) Ciclo 2013 2 Organograma Simplificado Organograma simplificado da OC, com ênfase

Leia mais

RELATÓRIO DE COMPENSAÇÃO DE EMISSÕES DE CO 2

RELATÓRIO DE COMPENSAÇÃO DE EMISSÕES DE CO 2 RELATÓRIO DE COMPENSAÇÃO DE EMISSÕES DE CO 2 XIV Simpósio Nacional de Auditoria de Obras Públicas (SINAOP) Centro de Eventos do Pantanal - Cuiabá 1 Novembro 2011 Nome do Evento: XIV SINAOP 2011 Cuiabá

Leia mais

Relatório de Neutralização das emissões de gases do efeito estufa

Relatório de Neutralização das emissões de gases do efeito estufa 2011 Inventário de GEE Relatório de Neutralização das emissões de gases do efeito estufa Evento: -Super 9k Montevérgine -Prova Ciclística 9 de Julho 0 Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa

Leia mais

Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa

Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa Inventário das Emissões de Gases de Efeito Estufa CNEC Projetos de Engenharia S.A. 2009 INVENTÁRIO: Completo Preliminar INVENTÁRIO VERIFICADO POR: Ninguém Primeira parte 1 Terceira parte Terceira parte

Leia mais

Metodologias para medir pegada carbônica. Stephen Russell World Resources Institute

Metodologias para medir pegada carbônica. Stephen Russell World Resources Institute Metodologias para medir pegada carbônica Stephen Russell World Resources Institute O que é uma pegada carbônica? Empresa Fonte Instalação GHG Protocol Inventário Nacional Ferramentas de cálculo GHG Protocol

Leia mais

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA CORPORATIVAS UNIMED CUIABÁ

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA CORPORATIVAS UNIMED CUIABÁ INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA CORPORATIVAS UNIMED CUIABÁ Abril de 2014 Sumário Resumo Executivo 03 1. INTRODUÇÃO 04 2. IDENTIFICAÇÃO DA INSTITUIÇÃO 06 3. OBJETIVO 06 4. MATERIAL E MÉTODOS

Leia mais

V I S Ã O GERAL D AS DIRETRIZES DO IPCC

V I S Ã O GERAL D AS DIRETRIZES DO IPCC V I S Ã O GERAL D AS DIRETRIZES DO IPCC Este documento é um dos volumes das Diretrizes Revisadas do IPCC de 1996 para Inventários Nacionais de Gases de Efeito Estufa. A série é composta por três livros:

Leia mais

Energia e Processos Industriais. Estimativas Emissões GEE 1970-2013

Energia e Processos Industriais. Estimativas Emissões GEE 1970-2013 Energia e Processos Industriais Estimativas Emissões GEE 1970-2013 Energia Estimativas Emissões GEE 1970-2013 Equipe Técnica André Luís Ferreira David Shiling Tsai Marcelo dos Santos Cremer Karoline Costal

Leia mais

Recuperação energética de gás de aterro & Créditos de carbono. Fórum Permanente "Meio Ambiente e Sociedade"

Recuperação energética de gás de aterro & Créditos de carbono. Fórum Permanente Meio Ambiente e Sociedade Recuperação energética de gás de aterro & Créditos de carbono Fórum Permanente "Meio Ambiente e Sociedade" São Paulo, Brasil 15 de Outubro de 2013 Sumário MDL & Créditos de Carbono Panorama do Mercado

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2012

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2012 Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2012 Emflora - Filial São Mateus - Base 61 - ES Nome fantasia: EMFLORA - CNPJ: 36.297.810/0001-07 Tipo da empresa: Unidade

Leia mais

CGD. Relatório de Compensação de Emissões de GEE

CGD. Relatório de Compensação de Emissões de GEE CGD 1 RELATÓRIO DE COMPENSAÇÃO DE EMISSÕES DE GEE CGD S.A. 2014 2 CGD Relatório de Compensação de Emissões de GEE - CGD S.A. 2014 1.1 Introdução O Programa de Baixo Carbono, pioneiro no setor da banca

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2010 RL Sistemas de Higiene Ltda Nome fantasia: RL Sistemas de Higiene Ltda - CNPJ: 48.241.905/0001-80 Tipo da empresa:

Leia mais

Inventário de Gases de Efeito Estufa

Inventário de Gases de Efeito Estufa Inventário de Gases de Efeito Estufa Gerenciamento de Informações e Ações Dirigidas Nicole Celupi - Three Phase Gerenciamento de Informações e Ações Dirigidas Institucional A Three Phase foi criada em

Leia mais

Inventário de emissões de Gases de Efeito Estufa (GEE) e adoção de políticas de mudanças climáticas pelas empresas. 16 de Março de 2010

Inventário de emissões de Gases de Efeito Estufa (GEE) e adoção de políticas de mudanças climáticas pelas empresas. 16 de Março de 2010 Inventário de emissões de Gases de Efeito Estufa (GEE) e adoção de políticas de mudanças climáticas pelas empresas. 16 de Março de 2010 UNIDADE DE NEGÓCIO CARBONO - UNICAR Efluentes e Resíduos Inventários

Leia mais

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA. Metodologia, resultados e ações

INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA. Metodologia, resultados e ações INVENTÁRIO DE EMISSÕES DE GASES DE EFEITO ESTUFA Metodologia, resultados e ações CARTA ABERTA AO BRASIL SOBRE MUDANÇAS CLIMÁTICAS CARTA ABERTA AO BRASIL Compromissos Assumidos A. Publicar anualmente o

Leia mais

Mudanças Climáticas na Vale

Mudanças Climáticas na Vale 30/09/2011 Mudanças Climáticas na Vale Gerência de Nova Economia e Mudanças Climáticas Departamento de Desenvolvimento Sustentável Política de Sustentabilidade Operador Sustentável Legado Econômico, Social

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2014

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa. Ano de referência do inventário: 2014 Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2014 Plural Indústria Gráfica Ltda. Nome fantasia: Plural - CNPJ: 03.858.331/0001-55 Tipo da empresa: Matriz Setor econômico:

Leia mais

FAQ - PROGRAMA REDUZA E COMPENSE CO2

FAQ - PROGRAMA REDUZA E COMPENSE CO2 FAQ - PROGRAMA REDUZA E COMPENSE CO2 1. O que é compensação? 2. O que é CO2? O que são gases de efeito estufa? 3. O que é crédito de carbono? 4. Eu sou obrigado a compensar as minhas emissões? 5. O que

Leia mais

SITUAÇÃO E DESAFIOS DO USO DA MADEIRA PARA ENERGIA NO BRASIL

SITUAÇÃO E DESAFIOS DO USO DA MADEIRA PARA ENERGIA NO BRASIL II ENCONTRO BRASILEIRO DE SILVICULTURA Campinas, Abril 2011 SITUAÇÃO E DESAFIOS DO USO DA MADEIRA PARA ENERGIA NO BRASIL JOSÉ OTÁVIO BRITO Professor Titular jobrito@usp.br CONJUNTURA MUNDIAL CONSUMO MUNDIAL

Leia mais

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa

Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Inventário das Emissões de gases de efeito estufa Ano de referência do inventário: 2009 RL Sistemas de Higiene Ltda Nome fantasia: RL Sistemas de Higiene Ltda - CNPJ: 48.241.905/0001-80 Tipo da empresa:

Leia mais

BM&FBOVESPA S.A. Relatório do Inventário de GEE, 2012. Apresentação de Resultados. icfi.com

BM&FBOVESPA S.A. Relatório do Inventário de GEE, 2012. Apresentação de Resultados. icfi.com Relatório do Inventário de GEE, 2012 Apresentação de Resultados Equipes envolvidas Augusto Mello André Valente Patrícia Messer Adriano Burgi Ana Luiza Silva Contatos: Tel: (55 21) 2117-2550 Fax: (55 21)

Leia mais

INVENTÁRIO DE GEE BICBANCO 2013

INVENTÁRIO DE GEE BICBANCO 2013 INVENTÁRIO DE GEE BICBANCO 2013 A liberação de gases de efeito estufa (GEE) associada às atividades humanas em todo o mundo é reconhecida como a principal causa das mudanças climáticas que vem sendo observadas

Leia mais

M0.1 Registrar a intenção do cumprimento ao Pacto dos Prefeitos, por favor anexe a carta de compromisso [Anexo]

M0.1 Registrar a intenção do cumprimento ao Pacto dos Prefeitos, por favor anexe a carta de compromisso [Anexo] O (Compact of Mayors) é o maior esforço internacional de cooperação entre prefeitos e funcionários municipais para demonstrar seu compromisso com a redução das emissões de gases de efeito estufa assim

Leia mais

Parcerias para um Mundo Melhor. Vânia Vieira Cunha Rudge Sustentabilidade

Parcerias para um Mundo Melhor. Vânia Vieira Cunha Rudge Sustentabilidade Parcerias para um Mundo Melhor Vânia Vieira Cunha Rudge Sustentabilidade UNIDADES PRODUTIVAS PROCESSO DE PRODUÇÃO Extrativismo Laboratório Rastreabilidade Fábrica Produtos Distribuição Cultivo Óleos Essenciais

Leia mais

Empresas e as mudanças climáticas

Empresas e as mudanças climáticas Empresas e as mudanças climáticas O setor empresarial brasileiro, por meio de empresas inovadoras, vem se movimentando rumo à economia de baixo carbono, avaliando seus riscos e oportunidades e discutindo

Leia mais

Agricultura de Baixo Carbono e Bioenergia. Heitor Cantarella FAPESP: Programa BIOEN & Instituto Agronômico de Campinas(IAC)

Agricultura de Baixo Carbono e Bioenergia. Heitor Cantarella FAPESP: Programa BIOEN & Instituto Agronômico de Campinas(IAC) Agricultura de Baixo Carbono e Bioenergia Heitor Cantarella FAPESP: Programa BIOEN & Instituto Agronômico de Campinas(IAC) Bioenergia: energia renovável recicla o CO 2 E + CO 2 + H 2 O CO 2 + H 2 O Fotossíntese

Leia mais

INVENTÁRIO RIO DE JANEIRO DE EMISSÕES DE DE GASES DO EFEITO ESTUFA DA CIDADE DO RESUMO EXECUTIVO

INVENTÁRIO RIO DE JANEIRO DE EMISSÕES DE DE GASES DO EFEITO ESTUFA DA CIDADE DO RESUMO EXECUTIVO INVENTÁRIO DE EMISSÕES IN DE DE GASES DO EFEITO ESTUFA DA CIDADE DO DO EFEIT RIO DE JANEIRO RESUMO EXECUTIVO RI Inventário de Emissões de Gases de Efeito Estufa da Cidade do Rio de Janeiro Prefeito da

Leia mais