Caso Prático de Análise de Pontos de Função IFPUG Contatos do Google FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Caso Prático de Análise de Pontos de Função IFPUG Contatos do Google FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS"

Transcrição

1 Caso Prático de Análise de Pontos de Função IFPUG Contatos do Google Guilherme Siqueira Simões 11/07/2017 FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS 1

2 ORIENTAÇÕES INICIAIS Dê preferência ao uso de uma conexão de banda larga O evento não fará uso do vídeo (webcam), somente slides e áudio Se necessário, ajuste o idioma da sala na barra de ferramentas superior O evento terá ~45 min. de apresentação e ~15 min. finais para perguntas Você pode mandar suas perguntas pelo chat ao longo da apresentação Para quem possui a certificação PMP, o evento vale 1 PDU A apresentação será gravada e o vídeo publicado posteriormente no site e redes sociais: 2

3 MISSÃO Apoiar nossos clientes a estabelecer modelos de negócios em que eles tenham o controle e trazer visibilidade do desempenho para a gestão de seus processos de software. DIRECIONAMENTO ESTRATÉGICO COM: Estimativas e Medição de Projetos de Software Implantação daanálise de Pontos de Função (IFPUG, NESMA, COSMIC) Auditoria de Medições de Projetos de Software Medidos com APF Benchmarking e Análises de produtividade Avaliação para Melhoria dos Processos de Software Engenharia de Requisitos Planejamento e avaliação do desempenho (Escopo, Esforço, custo, prazo, qualidade) Construção e Monitoramento de Contratos de Software baseados em Resultados Integração do Desenvolvimento Ágil com a Governança Corporativa de TI usando Métricas Funcionais 3

4 FORMAÇÃO PROFISSIONAL APF: Fundamentos, Benefícios e Implantação 8 horas (EAD e presencial) Preparação para o Exame CFPS 96 horas (EAD e presencial) Preparação para o Exame COSMIC 16 horas (EAD e presencial) Capacitação em APF: Medição e Estimativa de Software 16 horas (EAD e presencial) Medição e Estimativa de Software com o Método COSMIC 16 horas (Presencial) Engenharia de Requisitos de Software 24 horas Workshop APF: Metodologia e Práticas de Medição 16 horas (Presencial) Oficina de Contagem de Pontos de Função Sessões de 8 ~ 40 horas Oficina de Requisitos Sessões de 8 ~ 40 horas Estimativa de Software: Fundamentos e Técnicas 24 horas (EAD e presencial) Introdução ao Gerenciamento de Projetos 16 horas Gestão de Riscos em Projetos 16 horas 4

5 Agenda Visão geral do método IFPUG Visão geral do app Contatos do Google Análise de Pontos de Função do Contatos do Google 5

6 O que é Análise de Pontos de Função Técnica de medição das funções de um software sob o ponto de vista do usuário Ou método de medição de Software que quantifica os Requisitos Funcionais do Usuário Ponto de Função (PF) é a unidade de medida deste método A análise não considera nenhum aspecto de implementação Usuário é qualquer pessoa ou coisa que se comunica com o software em qualquer momento 6

7 Outros padrões Análise de Pontos de Função COSMIC (ISO/IEC 19761) FISMA (ISO/IEC 29881) Mark II (ISO/IEC 20968) NESMA (ISO/IEC 24570) 7

8 Objetivos do Processo de Medição Adicionalmente, o processo de medição busca ser simples e consistente 8

9 Tipos de Requisitos e a APF 9

10 Componentes Funcionais Básicos A análise quebra a especificação funcional do sistema em componentes funcionais básicos (ou funções) que permitem Interação com o sistema devem ser autocontidos Armazenamento de dados devem ser independentes 10

11 O processo de medição funcional 11

12 Complexidade e Contribuição TD TR < >50 1 Baixa Baixa Média 2-5 Baixa Média Alta >5 Média Alta Alta 12

13 SE e CE* EE Complexidade/Contribuição TD AR < >15 <2 Baixa Baixa Média 2 Baixa Média Alta >2 Média Alta Alta TD AR * < >19 <2 Baixa Baixa Média 2-3 Baixa Média Alta >3 Média Alta Alta 13

14 Visão Geral do Contatos do Google 14

15 Visão Geral Contatos do Google 15

16 Visão Geral Contatos do Google 16

17 Análise do Contatos do Google O aplicativo está disponível para uso em contacts.google.com Propósito: Medir uma parte do aplicativo para fins didáticos da explicação do processo de análise de pontos de função Fronteira: o Contatos do Google é uma aplicação independente, embora interaja com outras aplicações providas pelo Google (ex.: Gmail) Escopo: o escopo da análise será restrita às funções visíveis ao usuário comum. Para o usuário administrador é possível supor que existam funções específicas, porém estas não são públicas para que se possa analisar. 17

18 SE e CE* Processo: Buscar Contatos Função Tipo DET FTR Complexidade PF Buscar contatos CE 8 1 Baixa 3 TD AR * < >19 <2 Baixa Baixa Média 2-3 Baixa Média Alta >3 Média Alta Alta 18

19 EE Processo: Criar Contato Função Tipo DET FTR Complexidade PF Criar contato EE 8 1 Baixa 3 TD AR < >15 <2 Baixa Baixa Média 2 Baixa Média Alta >2 Média Alta Alta 19

20 SE e CE* Processo: Detalhar Contato Função Tipo DET FTR Complexidade PF Detalhar contato CE 7 1 Baixa 3 TD AR * < >19 <2 Baixa Baixa Média 2-3 Baixa Média Alta >3 Média Alta Alta 20

21 EE Processo: Editar Contato Função Tipo DET FTR Complexidade PF Editar contato EE 10 1 Baixa 3 TD AR < >15 <2 Baixa Baixa Média 2 Baixa Média Alta >2 Média Alta Alta 21

22 EE Processo: Excluir Contato Função Tipo DET FTR Complexidade PF Excluir contato EE 2 1 Baixa 3 TD AR < >15 <2 Baixa Baixa Média 2 Baixa Média Alta >2 Média Alta Alta 22

23 EE Processo: Marcar/Desmarcar Favorito Função Tipo DET FTR Complexidade PF Marcar/Desmarcar Favorito EE 2 1 Baixa 3 TD AR < >15 <2 Baixa Baixa Média 2 Baixa Média Alta >2 Média Alta Alta 23

24 Processo: Criar Marcador Os dados de codificação são tratados como requisitos não funcionais, e portanto não são considerados na medição (nem dados, nem transações associadas) 24

25 SE e CE* Processo: Listar Totais por Marcador Função Tipo DET FTR Complexidade PF Listar totais por marcador SE 3 1 Baixa 4 TD AR * < >19 <2 Baixa Baixa Média 2-3 Baixa Média Alta >3 Média Alta Alta 25

26 Medição Contatos do Google Função Tipo DET RET/FTR Complex. PF Funções de Dados Contato ALI 10 1 Baixa 7 Funções de Transação Buscar Contatos CE 8 1 Baixa 3 Criar Contato EE 8 1 Baixa 3 Detalhar Contato CE 7 1 Baixa 3 Editar Contato EE 10 1 Baixa 3 Excluir Contato EE 2 1 Baixa 3 Marcar/Desmarcar Favorito EE 1 1 Baixa 3 Criar Etiqueta Listar Totais por Etiqueta SE 3 1 Baixa 4 Total: 29 26

27 Para saber mais Curso: APF: Fundamentos, Benefícios e Implantação Curso: Capacitação em APF: Medição e Estimativa de Software Curso: Preparação para o Exame de Certificação CFPS do IFPUG Webinar: Análise de Pontos de Função: Medição e Estimativa de Software 27

28 AVALIAÇÃO DO EVENTO 28

29 PRÓXIMOS EVENTOS WEBINARS: Visão prática do BDD (Behaviour Driven Design) para agilizar o processo de desenvolvimento Data: 16/08/17 às 20h Inscrição: Engenharia de requisitos no contexto Ágil Data: 05/09/17 às 20h Inscrição: 29

30 PERGUNTAS? Obrigado pela sua atenção! Guilherme Siqueira Simões Skype: guilherme.s.simoes Brasília: (61) São Paulo: (11) Vitória: (27) Rio de Janeiro: (21)

Caso Prático de Análise de Pontos de Função COSMIC Contatos do Google FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS

Caso Prático de Análise de Pontos de Função COSMIC Contatos do Google FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS Caso Prático de Análise de Pontos de Função COSMIC Contatos do Google Guilherme Siqueira Simões 18/04/2017 FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS 2017 FATTO Consultoria e Sistemas www.fattocs.com 1 ORIENTAÇÕES INICIAIS

Leia mais

FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS

FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS Caso Prático de Análise de Pontos de Função Alertas do Google Guilherme Siqueira Simões 28/06/2016 FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS 2016 FATTO Consultoria e Sistemas www.fattocs.com 1 ORIENTAÇÕES INICIAIS

Leia mais

Rastreabilidade de Requisitos

Rastreabilidade de Requisitos Rastreabilidade de Requisitos Guilherme Siqueira Simões 25/10/2016 2016 FATTO Consultoria e Sistemas www.fattocs.com 1 ORIENTAÇÕES INICIAIS Dê preferência ao uso de uma conexão de banda larga O evento

Leia mais

Requisitos Funcionais e seus níveis de granularidade

Requisitos Funcionais e seus níveis de granularidade Requisitos Funcionais e seus níveis de granularidade Guilherme Siqueira Simões 21/02/2017 1 ORIENTAÇÕES INICIAIS Dê preferência ao uso de uma conexão de banda larga Feche qualquer outro programa que possa

Leia mais

FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS

FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS A Certificação CFPS em Análise de Pontos de Função do IFPUG Guilherme Siqueira Simões 23/08/2016 FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS 2016 FATTO Consultoria e Sistemas www.fattocs.com 1 ORIENTAÇÕES INICIAIS Dê

Leia mais

FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS

FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS A Certificação em Engenharia de Requisitos do IREB Guilherme Siqueira Simões 26/08/2016 FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS 2016 FATTO Consultoria e Sistemas www.fattocs.com 1 ORIENTAÇÕES INICIAIS Dê preferência

Leia mais

FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS

FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS Requisitos Não Funcionais Guilherme Siqueira Simões 13/06/2017 FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS 1 ORIENTAÇÕES INICIAIS Dê preferência ao uso de uma conexão de banda larga O evento não fará uso do vídeo (webcam),

Leia mais

Engenharia de Requisitos: Software Orientado ao Negócio

Engenharia de Requisitos: Software Orientado ao Negócio Engenharia de Requisitos: Software Orientado ao Negócio Guilherme Siqueira Simões 31/01/2017 1 MISSÃO Apoiar nossos clientes a ter mais visibilidade do desempenho de seus processos de software e a estabelecer

Leia mais

FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS

FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS Análise de Pontos de Função: Medição e Estimativas de Software Guilherme Siqueira Simões 17/11/2015 FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS 2015 FATTO Consultoria e Sistemas www.fattocs.com 1 ORIENTAÇÕES INICIAIS

Leia mais

FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS

FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS Gestão de Riscos Como lidar com as incertezas do Projeto? Thomaz Ottoni da Fonseca 04/11/2015 FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS 2015 FATTO Consultoria e Sistemas www.fattocs.com 1 ORIENTAÇÕES INICIAIS Dê preferência

Leia mais

Orientações iniciais. FATTO Consultoria e Sistemas - www.fattocs.com

Orientações iniciais. FATTO Consultoria e Sistemas - www.fattocs.com 1 Orientações iniciais Dê preferência ao uso de uma conexão de banda larga O evento não fará uso do vídeo (webcam), somente slides e áudio Se necessário, ajuste o idioma da sala na barra de ferramentas

Leia mais

Orientações iniciais. FATTO Consultoria e Sistemas - www.fattocs.com

Orientações iniciais. FATTO Consultoria e Sistemas - www.fattocs.com 1 Orientações iniciais Dê preferência ao uso de uma conexão de banda larga O evento não fará uso do vídeo (webcam), somente slides e áudio Se necessário, ajuste o idioma da sala na barra de ferramentas

Leia mais

O evento não fará uso do vídeo (webcam), somente slides e áudio. Se necessário, ajuste o idioma da sala na barra de ferramentas superior

O evento não fará uso do vídeo (webcam), somente slides e áudio. Se necessário, ajuste o idioma da sala na barra de ferramentas superior 1 Orientações iniciais Dê preferência ao uso de uma conexão de banda larga O evento não fará uso do vídeo (webcam), somente slides e áudio Se necessário, ajuste o idioma da sala na barra de ferramentas

Leia mais

O evento não fará uso do vídeo (webcam), somente slides e áudio. Se necessário, ajuste o idioma da sala na barra de ferramentas superior

O evento não fará uso do vídeo (webcam), somente slides e áudio. Se necessário, ajuste o idioma da sala na barra de ferramentas superior Orientações iniciais Dê preferência ao uso de uma conexão de banda larga O evento não fará uso do vídeo (webcam), somente slides e áudio Se necessário, ajuste o idioma da sala na barra de ferramentas superior

Leia mais

Ciência da Computação ENGENHARIA DE SOFTWARE. Métricas e Estimativas do Projeto

Ciência da Computação ENGENHARIA DE SOFTWARE. Métricas e Estimativas do Projeto Ciência da Computação ENGENHARIA DE SOFTWARE Métricas e Estimativas do Projeto Prof. Claudinei Dias email: prof.claudinei.dias@gmail.com Roteiro Introdução Métricas APF Análise de Pontos de Função Estimativas

Leia mais

Orientações iniciais. FATTO Consultoria e Sistemas - www.fattocs.com

Orientações iniciais. FATTO Consultoria e Sistemas - www.fattocs.com 1 Orientações iniciais Dê preferência ao uso de uma conexão de banda larga O evento não fará uso do vídeo (webcam), somente slides e áudio Se necessário, ajuste o idioma da sala na barra de ferramentas

Leia mais

Implantação da APF: Obstáculos e Boas Práticas em um Caso Real Guilherme Siqueira Simões (27)

Implantação da APF: Obstáculos e Boas Práticas em um Caso Real Guilherme Siqueira Simões (27) Implantação da APF: Obstáculos e Boas Práticas em um Caso Real Guilherme Siqueira Simões (27) 8111-7505 guilherme.simoes@fattocs.com.br 1 2 Objetivos da Apresentação Mostrar um caso de implantação da APF

Leia mais

O evento não fará uso do vídeo (webcam), somente slides e áudio. Se necessário, ajuste o idioma da sala na barra de ferramentas superior

O evento não fará uso do vídeo (webcam), somente slides e áudio. Se necessário, ajuste o idioma da sala na barra de ferramentas superior 1 Orientações iniciais Dê preferência ao uso de uma conexão de banda larga O evento não fará uso do vídeo (webcam), somente slides e áudio Se necessário, ajuste o idioma da sala na barra de ferramentas

Leia mais

Orientações iniciais. FATTO Consultoria e Sistemas - www.fattocs.com

Orientações iniciais. FATTO Consultoria e Sistemas - www.fattocs.com 1 Orientações iniciais Dê preferência ao uso de uma conexão de banda larga O evento não fará uso do vídeo (webcam), somente slides e áudio Se necessário, ajuste o idioma da sala na barra de ferramentas

Leia mais

FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS

FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS DESAFIOS NA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE UTILIZANDO MÉTODOS ÁGEIS CARLOS EDUARDO VAZQUEZ 13/10/2015 FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS ORIENTAÇÕES INICIAIS Dê preferência ao uso de

Leia mais

Métricas para Contratação de Fábricas de Software - Pontos de Função

Métricas para Contratação de Fábricas de Software - Pontos de Função Métricas para Contratação de Fábricas de Software - Pontos de Função Guilherme Siqueira Simões guilherme.simoes@fattocs.com.br ENCOSEP TI 2013 Encontro sobre Contratação de Produtos e Serviços de TI na

Leia mais

Integração do Desenvolvimento Ágil com a Governança Corporativa de TI Usando Métricas Funcionais

Integração do Desenvolvimento Ágil com a Governança Corporativa de TI Usando Métricas Funcionais Integração do Desenvolvimento Ágil com a Governança Corporativa de TI Usando Métricas Funcionais Carlos Eduardo Vazquez FATTO Consultoria e Sistemas Brasília Novembro/2014 www.fattocs.com 1 Queda do Muro

Leia mais

O evento não fará uso do vídeo (webcam), somente slides e áudio. Se necessário, ajuste o idioma da sala na barra de ferramentas superior

O evento não fará uso do vídeo (webcam), somente slides e áudio. Se necessário, ajuste o idioma da sala na barra de ferramentas superior FATTO Consultoria e Sistemas - www.fattocs.com.br 1 Orientações iniciais Dê preferência ao uso de uma conexão de banda larga O evento não fará uso do vídeo (webcam), somente slides e áudio Se necessário,

Leia mais

Medidas de Esforço de Desenvolvimento de Software

Medidas de Esforço de Desenvolvimento de Software Medidas de Esforço de Desenvolvimento de Software Luiz Leão luizleao@gmail.com http://www.luizleao.com Questão 1 O que você entende por Métricas de software? Questão 1 Resposta O que você entende por Métricas

Leia mais

Orientações iniciais

Orientações iniciais 1 Dê preferência ao uso de uma conexão de banda larga O evento não fará uso do vídeo (webcam), somente slides e áudio Se necessário, ajuste o idioma da sala na barra de ferramentas superior O evento terá

Leia mais

Implantando Pontos de Função com PSM

Implantando Pontos de Função com PSM Implantando Pontos de Função com PSM Diana Baklizky & Cecília Techy diana@metricas.com.br cecilia@metricas.com.br ti MÉTRICAS R. Domingos de Morais, 2243/36 São Paulo, SP Brasil www.metricas.com.br 1 Agenda

Leia mais

Análise de Ponto de Função APF. Aula 03

Análise de Ponto de Função APF. Aula 03 Análise de Ponto de Função APF Aula 03 Parte 01 Introdução a Métricas de Software Parte 02 A Técnica de APF Identificação das Funções de Dados Diretrizes Gerais Tipos de Entidades Arquivos Lógicos Tipo

Leia mais

Análise de Ponto de Função APF. Aula 02

Análise de Ponto de Função APF. Aula 02 Análise de Ponto de Função APF Aula 02 Agenda Parte 01 Introdução a Métricas de Software Parte 02 A Técnica de APF O que é APF? Objetivos Benefícios Conceitos Básicos Visão Geral dos Procedimentos de Contagem

Leia mais

Análise de Pontos de Função

Análise de Pontos de Função Análise de Pontos de Função Medição, Estimativas e Gerenciamento de Projetos de Software 1 Agenda Importância da medição Uso da APF na gerência de projetos Uso da APF em estimativas Uso da APF em contratos

Leia mais

Software na medida certa: desmistificando pontos de função

Software na medida certa: desmistificando pontos de função FATTO Consultoria e Sistemas - www.fattocs.com Software na medida certa: desmistificando pontos de função Guilherme Siqueira Simões +55 (27) 8111-7505 guilherme.simoes@fattocs.com.br Fatto Consultoria

Leia mais

Normas ISO:

Normas ISO: Universidade Católica de Pelotas Tecnólogo em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Disciplina de Qualidade de Software Normas ISO: 12207 15504 Prof. Luthiano Venecian 1 ISO 12207 Conceito Processos Fundamentais

Leia mais

Medidas de Esforço de Desenvolvimento de Software

Medidas de Esforço de Desenvolvimento de Software Medidas de Esforço de Desenvolvimento de Software Luiz Leão luizleao@gmail.com http://www.luizleao.com Questão 1 Em um gráfico de prazo (no eixo vertical) e número de total de PF (no eixo horizontal) verificou-se

Leia mais

Análise de Ponto de Função APF. Aula 05

Análise de Ponto de Função APF. Aula 05 Análise de Ponto de Função APF Aula 05 Agenda Parte 01 Introdução a Métricas de Software Parte 02 A Técnica de APF Saída Externa (SE) Definição Regras de Contagem Complexidade Funcional Consulta Externa

Leia mais

Medição e Estimativa de Software com o Método COSMIC

Medição e Estimativa de Software com o Método COSMIC Medição e Estimativa de Software com o Método COSMIC Atualizado para a versão 4.0 do Manual de Medição O guia de implementação do COSMIC para a ISO/IEC 19761 Objetivo do Método de Medição COSMIC Definir

Leia mais

Métricas de Software Importância e Aplicação

Métricas de Software Importância e Aplicação Métricas de Software Importância e Aplicação Mauricio Aguiar PSM Qualified Instructor Presidente da ti MÉTRICAS IFPUG Past President USC Visiting Associate www.metricas.com.br 1 Agenda Definindo e Alcançando

Leia mais

Oficina - Gestão por Processos

Oficina - Gestão por Processos Oficina - Gestão por Processos Isaac da Silva Torres João Francisco da Fontoura Vieira 02/09/2015 Escritório de Processos 1 Tópicos Nesta oficina, apresentaremos a Gestão por Processos e a sua relação

Leia mais

PROVAS DISCURSIVAS P 3 (questões) e P 4 (parecer) RASCUNHO QUESTÃO 1

PROVAS DISCURSIVAS P 3 (questões) e P 4 (parecer) RASCUNHO QUESTÃO 1 PROVAS DISCURSIVAS P (questões) e P (parecer) Nestas provas, faça o que se pede, usando, caso deseje, os espaços para rascunho indicados no presente caderno. Em seguida, transcreva os textos para o CADERNO

Leia mais

Métricas para Contratação de Desenvolvimento de Software

Métricas para Contratação de Desenvolvimento de Software Métricas para Contratação de Desenvolvimento de Software Guilherme Siqueira Simões guilherme.simoes@fattocs.com.br SEMANATIC 2015 I Semana Estadual de Tecnologia da Informação e Comunicação TIC Vitória-ES,

Leia mais

Estimativa de Projetos de Software com Pontos de Função

Estimativa de Projetos de Software com Pontos de Função Estimativa de Projetos de Software com Pontos de Função Intercambio Empresarial FUMSOFT 29/05/12 Belo Horizonte MG Brasil Sejam Todos Bem-Vindos 1 FATTO Consultoria e Sistemas Missão: Ajudar nossos clientes

Leia mais

Métricas para Contratação de Desenvolvimento de Software

Métricas para Contratação de Desenvolvimento de Software Métricas para Contratação de Desenvolvimento de Software Guilherme Siqueira Simões guilherme.simoes@fattocs.com.br SEMANATIC 2015 I Semana Estadual de Tecnologia da Informação e Comunicação TIC Vitória-ES,

Leia mais

Gerência de Projetos de TI

Gerência de Projetos de TI Gerência de de TI Experiência da COPEL SIMPROS 2001 Paulo Henrique Rathunde phr@copel.com Agenda Introdução Gerência de Definição dos Processos Implantação Reflexões 2/33 São Paulo, Brasil 17-20/09/2001

Leia mais

Governança em TI na UFF. Modelo de Gestão da STI. Henrique Uzêda

Governança em TI na UFF. Modelo de Gestão da STI. Henrique Uzêda Governança em TI na UFF Modelo de Gestão da STI Henrique Uzêda henrique@sti.uff.br 2011-2013 Universidade Federal Fluminense 122 cursos de graduação e 359 de pós-graduação ~ 45.000 alunos de graduação

Leia mais

Construção de. Software Orientado ao Negócio A solução proposta pelo método iron integração de Requisitos Orientados a Negócio

Construção de. Software Orientado ao Negócio A solução proposta pelo método iron integração de Requisitos Orientados a Negócio Construção de Software Orientado ao Negócio A solução proposta pelo método iron integração de Requisitos Orientados a Negócio O que é um REQUISITO? Podemos conceituar requisitos como sendo uma ação a ser

Leia mais

Núcleo de Apoio ao Planejamento e Gestão da Inovação. Junho de 2006

Núcleo de Apoio ao Planejamento e Gestão da Inovação. Junho de 2006 Núcleo de Apoio ao Planejamento e Gestão da Inovação Junho de 2006 NUGIN: Núcleo de Gestão da Inovação Missão Promover a geração de ambientes inovadores, fomentando e apoiando as empresas na gestão da

Leia mais

Desenvolvimento Ágil no Governo. Produtos de Software. Luís Dosso. Outubro/2011. Sistemas e aplicações sob medida para as necessidades do seu negócio.

Desenvolvimento Ágil no Governo. Produtos de Software. Luís Dosso. Outubro/2011. Sistemas e aplicações sob medida para as necessidades do seu negócio. Desenvolvimento Ágil no Governo Luís Dosso Outubro/2011 Produtos de Software Sistemas e aplicações sob medida para as necessidades do seu negócio. A Dextra Soluções de Software Projetos de software complexos

Leia mais

Introdução à Informática

Introdução à Informática Conteúdo Complementar Introdução à Informática FORMAÇÃO TÉCNICA Curso Técnico em Agronegócio Introdução à Informática Sumário Ferramentas colaborativas na Internet 5 Armazenamento de arquivos online 6

Leia mais

Pontos de Função na Engenharia de Software

Pontos de Função na Engenharia de Software Pontos de Função na Engenharia de Software Diana Baklizky, CFPS Este documento contém informações extraídas do Manual de Práticas de Contagem do IFPUG. Essas informações são reproduzidas com a permissão

Leia mais

Introdução INTRODUÇÃO AO SWEBOK. Origens do corpo de conhecimentos da Engenharia de Software: Introdução a Computação e Engenharia de Software

Introdução INTRODUÇÃO AO SWEBOK. Origens do corpo de conhecimentos da Engenharia de Software: Introdução a Computação e Engenharia de Software INTRODUÇÃO AO SWEBOK Introdução a Computação e Engenharia de Software Profa. Cynthia Pinheiro Introdução Origens do corpo de conhecimentos da Engenharia de Software: Engenharia da Computação Ciência da

Leia mais

Colaboração com Microsoft Office 365. Webinar de 30/06/2016

Colaboração com Microsoft Office 365. Webinar de 30/06/2016 Colaboração com Microsoft Office 365 Webinar de 30/06/2016 Expectativas sobre você: Participe Pergunte Argumente Envolva-se Divirta-se Tânia R. Silvestre Diretora e Consultora da Silvestre Consultoria

Leia mais

15/06/2011. Pontos de Função e Agilidade. Felipe Foliatti. Sumário. Pontos de Função. Métodos Ágeis. Cenário do Projeto.

15/06/2011. Pontos de Função e Agilidade. Felipe Foliatti. Sumário. Pontos de Função. Métodos Ágeis. Cenário do Projeto. Pontos de Função e Agilidade Felipe Foliatti Sumário Pontos de Função Métodos Ágeis Cenário do Projeto Conclusões 1 Pontos de Função? Não sepode controlar o que não se pode medir Tom DeMarco Surgiu com

Leia mais

Visão Geral da Norma ISO/IEC 12207

Visão Geral da Norma ISO/IEC 12207 UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA INSTITUTO DE BIOCIÊNCIAS, LETRAS E CIÊNCIAS EXATAS DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS DE COMPUTAÇÃO E ESTATÍSTICA Visão Geral da Norma ISO/IEC 12207 Engenharia de Software 2o. Semestre

Leia mais

Oficina - Gestão por Processos

Oficina - Gestão por Processos Oficina - Gestão por Processos Isaac da Silva Torres João Francisco da Fontoura Vieira 02/09/2015 Escritório de Processos 1 Tópicos Nesta oficina, apresentaremos a Gestão por Processos e a sua relação

Leia mais

Contagem de Pontos de Função no Desenvolvimento de Software utilizando Métodos Ágeis

Contagem de Pontos de Função no Desenvolvimento de Software utilizando Métodos Ágeis CAPA MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação SLTI Contagem de Pontos de Função no Desenvolvimento de Software utilizando Métodos Ágeis Lucineia Turnes Brasília, 23

Leia mais

Ouvidoria - Geral da União. Objetivo 6. Produzir informações estratégicas para subsidiar as tomadas de decisões do Presidente da República.

Ouvidoria - Geral da União. Objetivo 6. Produzir informações estratégicas para subsidiar as tomadas de decisões do Presidente da República. Ouvidoria - Geral da União Objetivo 6. Produzir informações estratégicas para subsidiar as tomadas de decisões do Presidente da República. Produzir dados quantitativos e qualitativos acerca da satisfação

Leia mais

QUALIDADE DE SOFTWARE

QUALIDADE DE SOFTWARE QUALIDADE DE SOFTWARE SSC-546 Avaliação de Sistemas Computacionais Profa. Rosana Braga (material profas Rosely Sanches e Ellen F. Barbosa) Agenda Visão Geral de Qualidade Qualidade Aplicada ao Software

Leia mais

GERENCIAMENTO DE PROJETOS DE SOFTWARE. Rosana Braga ICMC/USP

GERENCIAMENTO DE PROJETOS DE SOFTWARE. Rosana Braga ICMC/USP GERENCIAMENTO DE PROJETOS DE SOFTWARE Rosana Braga ICMC/USP Processo de Software DEFINIÇÃO CONSTRUÇÃO PRODUTO DE SOFTWARE MANUTENÇÃO Análise Planejamento Eng. Requisitos Projeto Codificação Teste Entendimento

Leia mais

Sistema de webconferência Mconf. Sessão 3

Sistema de webconferência Mconf. Sessão 3 Sistema de webconferência Mconf Sessão 3 App Mconf-Mobile Disponível no Google Play (só buscar por Mconf) Acesso ao Mconf Através do navegador! A tela inicial do app dá acesso ao portal público mconf.org

Leia mais

Projeto Físico e Lógico de Redes de Processamento. Kleber A. Ribeiro

Projeto Físico e Lógico de Redes de Processamento. Kleber A. Ribeiro Projeto Físico e Lógico de Redes de Processamento Kleber A. Ribeiro Um pouco sobre o PMI PMI - Project Management Institute PMI Instituição internacional sem fins lucrativos criada em 1969 Desenvolve normas,

Leia mais

Gestão Estratégica de Projetos Porque Educação Executiva Insper Cursos de Curta e Média Duração Educação Executiva

Gestão Estratégica de Projetos Porque Educação Executiva Insper Cursos de Curta e Média Duração Educação Executiva 1 Porque Educação Executiva Insper A dinâmica do mundo corporativo exige profissionais multidisciplinares, capazes de interagir e formar conexões com diferentes áreas da empresa e entender e se adaptar

Leia mais

Estimativa de Tamanho de Software Utilizando APF e a Abordagem NESMA

Estimativa de Tamanho de Software Utilizando APF e a Abordagem NESMA Estimativa de Tamanho de Software Utilizando APF e a Abordagem NESMA Werley Teixeira Reinaldo, Cristina D Ornellas Filipakis Curso de Sistemas de Informação Centro Universitário Luterano de Palmas (CEULP/ULBRA)

Leia mais

Integração. Serviços. Mobilidade

Integração. Serviços. Mobilidade Integração Serviços Mobilidade Soluções completas que atendem os projetos de ponta a ponta O Grupo Binário é formado por três divisões que oferecem produtos e serviços de alta qualidade em integração,

Leia mais

TEMA ESTRATÉGICO: GESTÃO UNIVERSITÁRIA TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO

TEMA ESTRATÉGICO: GESTÃO UNIVERSITÁRIA TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO TEMA ESTRATÉGICO: GESTÃO UNIVERSITÁRIA TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO Objetivo 1: Aprimorar a adoção de soluções de TI nas atividades de ensino, pesquisa, extensão e gestão, auxiliando na consecução

Leia mais

ISO/IEC Processo de ciclo de vida

ISO/IEC Processo de ciclo de vida ISO/IEC 12207 Processo de ciclo de vida O que é...? ISO/IEC 12207 (introdução) - O que é ISO/IEC 12207? - Qual a finalidade da ISO/IEC 12207? Diferença entre ISO/IEC 12207 e CMMI 2 Emendas ISO/IEC 12207

Leia mais

MBA EM GESTÃO FINANCEIRA CONTROLADORIA E AUDITORIA. Código S1: TMBAGFCA15/21 Código S2: TMBAGFCA15_21 Currículo: TMBAGFCA15_21-1

MBA EM GESTÃO FINANCEIRA CONTROLADORIA E AUDITORIA. Código S1: TMBAGFCA15/21 Código S2: TMBAGFCA15_21 Currículo: TMBAGFCA15_21-1 MBA EM GESTÃO FINANCEIRA CONTROLADORIA E AUDITORIA Código S1: TMBAGFCA15/21 Código S2: TMBAGFCA15_21 Currículo: TMBAGFCA15_21-1 OBJETIVOS GERAIS Atualizar e aprofundar conceitos da área de finanças, utilizando

Leia mais

Treinamentos EMENTA GERENCIAMENTO DE PROJETOS. 20 Horas

Treinamentos EMENTA GERENCIAMENTO DE PROJETOS. 20 Horas EMENTA GERENCIAMENTO DE PROJETOS 20 Horas OBJETIVO O treinamento tem como objetivo capacitar os envolvidos em gerenciamento de projetos a aplicar, de forma prática e imediata, os conceitos e boas práticas

Leia mais

PLANEJAMENTO E EXECUÇÃO DA ESTRATÉGIA NO VITÓRIA APART HOSPITAL. Estudo de Caso

PLANEJAMENTO E EXECUÇÃO DA ESTRATÉGIA NO VITÓRIA APART HOSPITAL. Estudo de Caso PLANEJAMENTO E EXECUÇÃO DA ESTRATÉGIA NO VITÓRIA APART HOSPITAL Estudo de Caso Sobre o Vitória Apart Hospital Institucional Desde a sua fundação, em 2001, o Vitória Apart Hospital atua com o objetivo de

Leia mais

Outubro 2008 Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos

Outubro 2008 Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos Outubro 2008 Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos Marca de confiança Conteúdo IV Encontro do GIGCI Institucional Inovação GC para Inovação GC Corporativa Correios em números 110 mil empregados 12

Leia mais

FATTO. em f co. Requisitos: a chave para o sucesso. Fazer rápido; fazer certo. A importância da Gestão de Riscos no gerenciamento de projetos pág.

FATTO. em f co. Requisitos: a chave para o sucesso. Fazer rápido; fazer certo. A importância da Gestão de Riscos no gerenciamento de projetos pág. Imprevistos acontecem A importância da Gestão de Riscos no gerenciamento de projetos pág. 4 Ano 01 I Nº 03 I Setembro/2016 FATTO em f co Requisitos: a chave para o sucesso Fazer rápido; fazer certo. entrevista

Leia mais

Pregão Eletrônico nº 18/2014

Pregão Eletrônico nº 18/2014 Pregão Eletrônico nº 18/2014 Ferramenta de Apoio ao Núcleo de Métricas de Software PoC Prova de Conceito Ferramenta: APFBR 1 CRITÉRIOS EDITALÍCIOS PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA DE CONCEITO (CÓPIA DO TERMO

Leia mais

Curso Governança de TI Planejamento e Implantação

Curso Governança de TI Planejamento e Implantação Curso Governança de TI Planejamento e Implantação Todos nossos cursos são preparados por profissionais certificados e com larga experiência em Governança de TI. Os cursos são ministrados em português,

Leia mais

Gerência e Planejamento de Projeto. Engenharia de Software I Profa. Elisa Yumi Nakagawa 1 o semestre de 2015

Gerência e Planejamento de Projeto. Engenharia de Software I Profa. Elisa Yumi Nakagawa 1 o semestre de 2015 Gerência e Planejamento de Projeto Engenharia de Software I Profa. Elisa Yumi Nakagawa 1 o semestre de 2015 Conteúdo: Parte 1: Gerenciamento & Qualidade Plano de Projeto - aspectos gerais Parte 2: Plano

Leia mais

1º SEMINÁRIO: Gestão Estratégica para Departamentos Jurídicos e Escritórios de Advocacia. LOCAL: Recife-PE 22/11/2013

1º SEMINÁRIO: Gestão Estratégica para Departamentos Jurídicos e Escritórios de Advocacia. LOCAL: Recife-PE 22/11/2013 DIVISÃO DE CONSULTORIA 1º SEMINÁRIO: Gestão Estratégica para Departamentos Jurídicos e Escritórios de Advocacia LOCAL: Recife-PE 22/11/2013 TEMA DA PALESTRA: Gestão de Fluxos de Trabalho e Indicadores

Leia mais

Disciplina - Requisitos. Grupo Yuni Luiz Eduardo Káthia

Disciplina - Requisitos. Grupo Yuni Luiz Eduardo Káthia Disciplina - Requisitos Grupo Yuni Luiz Eduardo Káthia RUP(Rational Unified Process) 1. Introdução. 2. Introdução a disciplinas no RUP. 3. Requisitos. 4. Gerenciamento de Requisitos. 5. Relação com outras

Leia mais

Risk University.

Risk University. Risk University www.kpmg.com.br Risk University Quem somos Programa de capacitação executiva modelado para fornecer aos profissionais de áreas como riscos, auditoria, controles e compliance uma plataforma

Leia mais

Profª Mônica Suely G. de Araujo

Profª Mônica Suely G. de Araujo Profª Mônica Suely G. de Araujo Desempenho Características Confiabilidade Reputação 2 1 Durabilidade Utilidade Resposta Estética 3 Projeto Conformidade Capabi lidade Atendi mento ao Cliente Cultura da

Leia mais

Governança aplicada à Gestão de Pessoas

Governança aplicada à Gestão de Pessoas Governança de pessoal: aperfeiçoando o desempenho da administração pública Governança aplicada à Gestão de Pessoas Ministro substituto Marcos Bemquerer Brasília DF, 15 de maio de 2013 TCU Diálogo Público

Leia mais

TS04. Teste de Software PLANOS DE TESTE. COTI Informática Escola de Nerds

TS04. Teste de Software PLANOS DE TESTE. COTI Informática Escola de Nerds TS04 Teste de Software PLANOS DE TESTE COTI Informática Escola de Nerds 1. PLANOS DE TESTE. Tipos de Testes de Software Teste Funcional Uma especificação funcional é uma descrição do comportamento esperado

Leia mais

Portfolio de Atividades. Prof. João Carlos Boyadjian,PMP,MBA,MSc

Portfolio de Atividades. Prof. João Carlos Boyadjian,PMP,MBA,MSc Portfolio de Atividades Prof. João Carlos Boyadjian,PMP,MBA,MSc A JCB MANAGEMENT. é uma empresa voltada para o segmento de Gerenciamento de Projetos, Planejamento, Controle de Projetos e Produção para

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ - UFPR Bacharelado em Ciência da Computação

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ - UFPR Bacharelado em Ciência da Computação SOFT DISCIPLINA: Engenharia de Software AULA NÚMERO: 13B DATA: / / PROFESSOR: Andrey APRESENTAÇÃO O objetivo desta aula é apresentar, discutir o conceito de métricas de software orientadas a função. DESENVOLVIMENTO

Leia mais

Ferramentas Institucionais

Ferramentas Institucionais Ferramentas Institucionais Agenda. Intercâmbio. Fluxo de Autorização. Adaptação às mudanças. Os projetos do Intercâmbio Eletrônico. Evolução do sistema Unimed. Cobrança X Contestação Intercâmbio. Diferencial

Leia mais

Núcleo de Métricas: Alcançando a Excelência na Governança de TI

Núcleo de Métricas: Alcançando a Excelência na Governança de TI Núcleo de Métricas: Alcançando a Excelência na Governança de TI Gustavo Siqueira Simões - PMP e CFPS http://www.linkedin.com/in/gustavosimoes gustavo.simoes@fattocs.com.br skype: gustavosimoes +55(11)

Leia mais

Business Partner em RH: Planejamento Estratégico de Pessoas Porque Educação Executiva Insper Cursos de Curta e Média Duração Educação Executiva

Business Partner em RH: Planejamento Estratégico de Pessoas Porque Educação Executiva Insper Cursos de Curta e Média Duração Educação Executiva 1 Porque Educação Executiva Insper A dinâmica do mundo corporativo exige profissionais multidisciplinares, capazes de interagir e formar conexões com diferentes áreas da empresa e entender e se adaptar

Leia mais

ANEXO I. PROJETO DE CURTA DURAÇÃO

ANEXO I. PROJETO DE CURTA DURAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL FARROUPILHA REITORIA ANEXO I. PROJETO DE CURTA DURAÇÃO 1. IDENTIFICAÇÃO 1.1 Título do Projeto: Usabilidade em aplicações web 1.2 Câmpus de Origem: São Borja 1.3

Leia mais

MÉTODO PARA AVALIAÇÃO DA USABILIDADE DE WEB SITES BANCÁRIOS

MÉTODO PARA AVALIAÇÃO DA USABILIDADE DE WEB SITES BANCÁRIOS Encontro da Qualidade e Produtividade em Software EQPS MÉTODO PARA AVALIAÇÃO DA USABILIDADE DE WEB SITES BANCÁRIOS Categoria: Método de Gestão Prof a Jusane Farina Lara Acadêmica: Eliane Valentini Porto

Leia mais

Versão: 1.0 Doc Manager

Versão: 1.0 Doc Manager Plano de Gerenciamento de Configuração versão 1.0 Desenvolvimento do Sistema de Gestão de Documentos Doc Manager Cliente: São José Agroindustrial Representante do cliente: Paulo José de Souza 1 Data: 10/04/2016

Leia mais

PDI Plano de Desenvolvimento Institucional

PDI Plano de Desenvolvimento Institucional PDI 2015-2019 Plano de Desenvolvimento Institucional CENÁRIO PDI - 2016 METODOLOGIA DE TRABALHO SISTEMÁTICA DE ACOMPANHAMENTO PAINEL DE BORDO DISPONIBILIDADE NO SITE DA UFERSA PRESENCIAL PAINEL DE BORDO

Leia mais

As visões de Negócio. Analista de Negócio 3.0. Segundo Módulo: Parte 2

As visões de Negócio. Analista de Negócio 3.0. Segundo Módulo: Parte 2 Segundo Módulo: Parte 2 As visões de Negócio 1 Quais são visões de Negócio? Para conhecer o negócio o Analista de precisa ter: - Visão da Estratégia - Visão de Processos (Operação) - Visão de Valor da

Leia mais

1. DADOS DA EMPRESA. Nome do contato: do contato: Telefone do contato: Nome da Empresa: Endereço: Cidade: CEP:

1. DADOS DA EMPRESA. Nome do contato:  do contato: Telefone do contato: Nome da Empresa: Endereço: Cidade: CEP: PANORAMA DO TREINAMENTO NO BRASIL - 2015 Dados, informações, fatos, análises. Este questionário em PDF é para auxiliar na coleta de dados. As perguntas devem ser respondidas no link: www.cmpesquisa.com.br/t&d

Leia mais

Gestão de Segurança da Informação. Interpretação da norma NBR ISO/IEC 27001:2006. Curso e Learning. Sistema de

Gestão de Segurança da Informação. Interpretação da norma NBR ISO/IEC 27001:2006. Curso e Learning. Sistema de Curso e Learning Sistema de Gestão de Segurança da Informação Interpretação da norma NBR ISO/IEC 27001:2006 Todos os direitos de cópia reservados. Não é permitida a distribuição física ou eletrônica deste

Leia mais

Os s estão com os dias contados

Os  s estão com os dias contados Os emails estão com os dias contados Quando o assunto é comunicação interna (conversa entre membros de uma empresa), o email ainda é uma das ferramentas mais usadas no mundo empresarial. Seja para enviar

Leia mais

4.6. ATENDIMENTO ÀS METAS DO PLANO/PROGRAMA/PROJETO

4.6. ATENDIMENTO ÀS METAS DO PLANO/PROGRAMA/PROJETO 4.6. ATENDIMENTO ÀS METAS DO PLANO/PROGRAMA/PROJETO A planilha de atendimento às metas do projeto é apresentada na sequência. Metas Proporcionar os elementos necessários para que seja definido o processo

Leia mais

HOME OFFICE MANAGEMENT CONTATO. Telefone: (11) A MELHOR FORMA DE TRABALHAR

HOME OFFICE MANAGEMENT CONTATO. Telefone: (11) A MELHOR FORMA DE TRABALHAR HOME OFFICE MANAGEMENT A MELHOR FORMA DE TRABALHAR www.homeoffice.com.br CONTATO Telefone: (11) 4321-2204 E-mail: contato@homeoffice.com.br /homeofficemanagement /homeofficemanagement /homeofficemanagement

Leia mais

CONHEÇA TODAS AS SOLUÇÕES EM NEGÓCIOS, PROJETOS E FORMAÇÃO QUE A PMBASIS TEM PARA SUA EMPRESA OU INSTITUIÇÃO.

CONHEÇA TODAS AS SOLUÇÕES EM NEGÓCIOS, PROJETOS E FORMAÇÃO QUE A PMBASIS TEM PARA SUA EMPRESA OU INSTITUIÇÃO. www.pmbasis.com.br CONHEÇA TODAS AS SOLUÇÕES EM NEGÓCIOS, PROJETOS E FORMAÇÃO QUE A PMBASIS TEM PARA SUA EMPRESA OU INSTITUIÇÃO. Crescer, Desenvolver, Multiplicar-se. Nossos melhores sonhos começam assim.

Leia mais

A PLATAFORMA MAIS PODEROSA PARA REALIZAR WEBINARS, EVENTOS E TREINAMENTOS.

A PLATAFORMA MAIS PODEROSA PARA REALIZAR WEBINARS, EVENTOS E TREINAMENTOS. A PLATAFORMA MAIS PODEROSA PARA REALIZAR WEBINARS, EVENTOS E TREINAMENTOS. QUEM SOMOS Fundada em 2012, somos uma das principais empresas brasileiras focada no desenvolvimento de tecnologias para streaming

Leia mais

Marcelo Henrique dos Santos

Marcelo Henrique dos Santos Marcelo Henrique dos Santos Mestrado em Educação (em andamento) MBA em Marketing e Vendas (em andamento) Especialista em games Bacharel em Sistema de Informação Email: marcelosantos@outlook.com TECNOLOGIA

Leia mais

Prof. Dr. Heros Ferreira Plataforma EAD. Encontro Multiesportivo de Técnicos Formadores Solidariedade Olímpica / COI

Prof. Dr. Heros Ferreira Plataforma EAD. Encontro Multiesportivo de Técnicos Formadores Solidariedade Olímpica / COI Prof. Dr. Heros Ferreira Plataforma EAD Encontro Multiesportivo de Técnicos Formadores Solidariedade Olímpica / COI AGENDA 1. PLANEJAMENTO 2. ESTRUTURAÇÃO RH E DIDÁTICA 3. PLATAFORMA EAD 4. EXECUÇÃO 5.

Leia mais

Prospecção Tecnológica. 30 de agosto de 2012.

Prospecção Tecnológica. 30 de agosto de 2012. Prospecção Tecnológica 30 de agosto de 2012. A ação será executada por: A Equipe O Projeto Prospecção Tecnológica Objetivo Possibilitar a implantação de novas tecnologias que permitam redução de custos,

Leia mais

Pontos por Caso de Uso

Pontos por Caso de Uso Foi proposto em 99 por Gustav Karner; Baseou-se na Análise por Pontos de Função; Trata de estimar o tamanho de um sistema de acordo com: o modo como os usuários o utilizarão; a complexidade de ações requerida

Leia mais

Sistema de Gestão Integrado SEGURANÇA DE INFORMAÇÃO COMO PILAR ESTRATÉGICO

Sistema de Gestão Integrado SEGURANÇA DE INFORMAÇÃO COMO PILAR ESTRATÉGICO Sistema de Gestão Integrado SEGURANÇA DE INFORMAÇÃO COMO PILAR ESTRATÉGICO 1 2 3 4 O contexto incentea DESAFIOS DO NEGÓCIO Um Sistema Integrado ORIENTAÇÃO ESTRATÉGICA A Segurança de Informação SUSTENTAÇÃO

Leia mais

CONTRATAÇÃO CONJUNTA DE SOFTWARE - MICROSOFT

CONTRATAÇÃO CONJUNTA DE SOFTWARE - MICROSOFT CONTRATAÇÃO CONJUNTA DE SOFTWARE - MICROSOFT A Secretaria de Tecnologia da Informação - STI e a Central de Compras CENTRAL, ambas do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão MP, estão promovendo

Leia mais