Análise de Pontos de Função

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Análise de Pontos de Função"

Transcrição

1 Análise de Pontos de Função Medição, Estimativas e Gerenciamento de Projetos de Software 1

2 Agenda Importância da medição Uso da APF na gerência de projetos Uso da APF em estimativas Uso da APF em contratos de software Visão geral da APF Mundo das métricas funcionais Certificação CFPS 2

3 Por que medir software? 3

4 Por que medir software? Estimar custo e recursos de projetos Avaliar a aquisição de pacotes (make-or-buy) Suportar análises de produtividade e qualidade Remunerar fornecedores Apoiar a gerência de escopo do projeto Apoiar a gerência de requisitos do projeto Benchmarking 4

5 Dilema do desenvolvimento SW Requisitos - qualidade, funcionalidade e performance são infinitos: tendem a expansão Recursos - trabalho, logística, capital são restritos: pressão para menor utilização Como manter esta situação sob controle? Atender ao máximo as expectativas com a utilização do mínimo de recursos 5

6 As Respostas de Hoje Terceirização e gestão de contratos Uso intensivo de pacotes de software - ERP em especial Orientação para gerência de projetos Iniciativas de Melhoria de Processos Mas o que é gerência de projetos e onde entra a APF? 6

7 Desafio do GP Tornar o gerenciamento de projetos baseado em fatos, não em achismos Para isto, deve-se buscar métricas e indicadores que orientem a gerência pois: Não se pode controlar o que não se pode medir - Lord Kelvin ou Não se pode gerenciar o que não se pode medir - Tom de Marco 7

8 Importância da medição..., quando feita adequadamente, a medição em seqüência de atributos de qualidade de produtos e processos pode fornecer uma base efetiva para a iniciação e gerência de atividades de melhoria de processos. PSM: Measuring for Process Management and Improvement William A. F. et al,

9 O que medir? Planejamento Objetivo Objetivo Objetivo Questão Questão Questão Questão Questão Questão Métrica Métrica Métrica Métrica Métrica Métrica 9

10 Indicadores derivados de PF A APF, junto com outras métricas permite a geração de vários indicadores para o GP Horas / PF PF / Homem Mês R$ / PF Defeitos / PF Estabilidade dos requisitos Baseline da organização Tamanho do backlog 10

11 Uso da APF em Estimativas 11

12 Estimativas de Projetos de Software Quanto Tempo? Quanto Custa? Respostas dependem dos Requisitos da Equipe da Tecnologia Exatidão apenas ao término Podem ser mais ou menos exatas 12

13 Podem ser mais ou menos exatas 13

14 Paradoxo: quando mais se exige precisão, menos se tem 14

15 fatores de risco coletar requerimentos estimar novamente sempre que necessário estimar tamanho estimar esforço cronograma estimar custo aprovar estimativas dados históricos recursos estimativas aprovadas de tamanho, esforço, etc. desenvolver produto dados de custo medidas reais de tamanho, esforço, etc. Analisar o processo de estimativa 15

16 Onde entra a APF? Tamanho pode ser estimado antes da especificação de requisitos estar completa Muito útil em tempo de proposta e análise de viabilidade É uma técnica para macro-estimativas Não recomendada para estimativas pontuais de atividades ou projetos muito pequenos 16

17 Estimando Esforço Necessidade das horas apropriadas para Produtividade (PF / H) Taxa de Entrega (H / PF) Classificação de projetos por similaridade processo de desenvolvimento deve ser estável Extrapolar o comportamento histórico Indicadores de Mercado Indicadores Internos 17

18 Estimando Custo Necessidade dos custos apropriados para Preço do ponto de função ( R$ / PF) Classificação de projetos por similaridade processo de desenvolvimento deve ser estável Extrapolar o comportamento histórico Indicadores de Mercado Indicadores Internos 18

19 Estimando Duração Neste ponto o ideal é conjugar outras técnicas pois: Nem sempre Prazo = Esforço / Tamanho Equipe Cuidado com fórmulas mágicas duração = PF ** 0,4??? 19

20 Outras Estimativas Possíveis? Número de casos de teste (= PF x 1,2)??? Número de defeitos (= PF ** 1,25)??? Tamanho da equipe de desenvolvimento (= PF / 150)??? Tamanho da equipe de manutenção (= PF / 1500)??? 20

21 Uso da APF em Contratos de Software 21

22 Aspectos Contratação Sofware Foco no negócio principal Terceirização do desenvolvimento SW Parcial Equipe Projeto Atividade (codificação, teste, análise, etc) Total Outsourcing 22

23 Gestão do Contrato A necessidade de gerenciar o contrato existe seja qual for o nível da terceirização Equipe: produtividade e qualidade Projeto: prazo, escopo Atividade: prazo Outsourcing: custo, qualidade 23

24 Formas de contratação Homem Hora Seleção do Tipo de Contrato APF Preço Global Fixo Preço Unitário 24

25 Homem Hora (HH) Body shopping, time and material Equipe mista Nem sempre apenas um fornecedor Infra-estrutura própria Remuneração Nível de qualificação Experiência dos profissionais Horas apropriadas 25

26 HH - Por um lado Simples administração Flexibilidade Agilidade em picos de demanda Mudança real dos requisitos: Aumento de escopo Aumento do esforço Aumento da fatura É justo. Responsabilidade direta do contratante.br 26

27 HH - Por outro lado Quantidade mínima de horas: Mês ou ano Potencial subutilização de recursos Garantia Gerenciar a produtividade dos contratados: Competência não necessariamente disponível Remuneração não vinculada a resultados Falta de estímulo ao aumento de produtividade NÃO é justo. Responsabilidade do contratado 27

28 Aplicação da APF x HH Monitoramento da qualidade Defeitos quantidade, severidade, origem... Funcionalidade fornecida (pontos de função) Monitoramento da produtividade Pessoal envolvido em manutenção Baseline ou base instalada.br 28

29 Preço Global Fixo (PGF) Privilegia a abordagem de projeto Exige maior grau de organização Quanto melhor definidos estiverem os requisitos, menor a chance de atritos Em geral: O fornecedor não dispõe de muita informação Ele não dispõe de tempo para análise detalhada Superdimensionamento ou subdimensionamento (mais provável) Ambos assumem que os requisitos não mudam Mas eles mudam... 29

30 Os requisitos mudam... Quanto maior a duração do projeto, mais provável de ocorrer Nova negociação (aumento do escopo): como saber se as condições originais serão mantidas? APF como fator de normalização Dimensionar o projeto original Calcular o valor unitário Aplicar os números ao objeto da mudança de escopo Instrumento de COMUNICAÇÃO 30

31 Quem disse que eles mudaram? 31

32 Medição da variação do escopo [1.200 PF] Especificação Inicial de Requisitos Estimativa [1.500 PF] Projeto de Alto Nível [1.700 PF] Projeto Detalhado Dimensionamento Horas, Reais, Pontos de Função, etc. [1.900 PF] Produto Entregue Estimativa Incial...: PF Produto Entregue.: PF Crescimento...: 58,3% ( ) * Projeto A Equipe 1 32

33 Preço Unitário (PU) Remuneração sobre elementos do projeto Relatórios, telas, tabelas, casos de uso, linhas de código, pontos de função Equilibrar riscos Produtividade e qualidade - Contratado Escopo - Contratante Desafio: O elemento Reconhecido pelo contratante e contratado Uniforme Consistente 33

34 Por que APF como unidade Pontos de função como unidade padrão Método padrão de medição funcional Centenas de empresas e profissionais IFPUG - organização responsável Pontos de função facilitando a comunicação Vocabulário independente da tecnologia Perspectiva do negócio 34

35 Quem usa APF em contratos BANDES CEF SERPRO PM- SP DATAPREV CORREIOS BRADESCO ABN/REAL EXÉRCITO PETROBRÁS EMBRATEL PRODEB EDS POLITEC MSAInfor DBA CPM STEFANINI 35

36 Visão Geral da APF 36

37 Definição da APF Método Padrão para Medir Software do Ponto de Vista do Usuário através da quantificação da Funcionalidade Fornecida 37

38 Objetivos da APF Objetivos da Técnica Medir a Funcionalidade que o usuário solicita e recebe Medir o desenvolvimento e melhoria de software de forma independente da tecnologia utilizada para sua implementação Objetivos do Processo de Contagem Simples o suficiente para minimizar o trabalho adicional envolvido no processo de medição Uma medida consistente entre vários projetos e organizações 38

39 Componentes da contagem 39

40 Processo de contagem ANÁLISE DE PONTOS DE FUNÇÃO Determinar o Tipo de Contagem Determinar Escopo da Contagem e Fronteira da Aplicação Contar Funções Tipo Dados Contar Funções Tipo Transação Copyright 2001, 2002 por FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS LTDA. Determinar Contagem de Pontos de Função não Ajustados Calcular o Número de Pontos de Função Ajustados CARTÃO DE REFERÊNCIA Baseado na Versão do Manual de Práticas de Contagem do IFPUG.br Determinar Valor do Fator de Ajuste 40

41 O Mundo da Métricas Funcionais 41

42 Evolução das métricas funcionais 42

43 IFPUG Conferência e Workshop Educacional Comitês e Grupos de Trabalho Programa de Certificação (cursos, produtos, profissionais) Counting Practices Manual - CPM Associações locais - Chapter O BFPUG é um Chapter 43

44 APF no Brasil Difusão no início da década de 90 - Unisys/IBPI 6 ENUPF entre 1991 e 1994 Grandes licitações públicas ISO e CMM BFPUG evolução do FPUG-Rio Fórum de discussões Exame CFPS no Brasil 44

45 ISBSG International Software Benchmarking Standards Group Repositório com dados de projetos Possibilita análise comparativa de produtividade e qualidade, geração de estimativas, validação de boas práticas, etc The Software Metrics Compendium Estímulo à contribuição ao repositório 45

46 Certificação CFPS 46

47 Programa de Certificação CFPS Objetivo Reconhecer formalmente os profissionais: Capazes de realizar contagem de pontos de função precisas e consistentes Conheçam as práticas de contagem mais recentes Consulta Pública Prazo de Validade: três anos Necessária associação ao IFPUG Programa de extensão de certificação 47

48 O Exame CFPS A prova é dividida em 3 seções definições (50 questões objetivas) aplicação de regras (50 questões objetivas) 2 ou 3 estudo de casos (50 a 55 questões) Consulta ao CPM permitida Taxa de Acerto mínimo de 90% no geral, com pelo menos 80% em cada seção Duração: 3h (inglês) 3,5h (português) 48

49 Brasil - Evolução da certificação Possui 24% dos CFPS do mundo, atrás apenas dos EUA Ano Candidatos Aprovados % Locais # rj rj rj rj/sp/df rj/sp/df/es

50 Conclusões APF é uma técnica eficaz na geração de indicadores para a gerência de projetos de software Resultados melhores à medida que dados históricos de projetos são incorporados Facilitador da comunicação Uso crescente em contratos de software Brasil está na vanguarda do uso da APF 50

51 Referências IFPUG - BFPUG - FATTO -.br ISBSG - ASMA - NESMA - UKSMA - COSMIC - SPR - 51

52 Perguntas??? 52

53 Obrigado! Guilherme Siqueira Simões 53

Gestão de Contratos de Desenvolvimento de Software com a Análise de Pontos de Função

Gestão de Contratos de Desenvolvimento de Software com a Análise de Pontos de Função Gestão de Contratos de Desenvolvimento de Software com a Análise de Pontos de Função Florianópolis, 26-28 de Abril de 2004 Guilherme Siqueira Simões 1 Aspectos Contratação SW Foco no negócio principal

Leia mais

Métricas para Contratação de Fábricas de Software - Pontos de Função

Métricas para Contratação de Fábricas de Software - Pontos de Função Métricas para Contratação de Fábricas de Software - Pontos de Função Guilherme Siqueira Simões guilherme.simoes@fattocs.com.br ENCOSEP TI 2013 Encontro sobre Contratação de Produtos e Serviços de TI na

Leia mais

Métricas para Contratação de Desenvolvimento de Software

Métricas para Contratação de Desenvolvimento de Software Métricas para Contratação de Desenvolvimento de Software Guilherme Siqueira Simões guilherme.simoes@fattocs.com.br SEMANATIC 2015 I Semana Estadual de Tecnologia da Informação e Comunicação TIC Vitória-ES,

Leia mais

Métricas para Contratação de Desenvolvimento de Software

Métricas para Contratação de Desenvolvimento de Software Métricas para Contratação de Desenvolvimento de Software Guilherme Siqueira Simões guilherme.simoes@fattocs.com.br SEMANATIC 2015 I Semana Estadual de Tecnologia da Informação e Comunicação TIC Vitória-ES,

Leia mais

Software na medida certa: desmistificando pontos de função

Software na medida certa: desmistificando pontos de função FATTO Consultoria e Sistemas - www.fattocs.com Software na medida certa: desmistificando pontos de função Guilherme Siqueira Simões +55 (27) 8111-7505 guilherme.simoes@fattocs.com.br Fatto Consultoria

Leia mais

A contribuição de Pontos de Função para um programa de métricas de software

A contribuição de Pontos de Função para um programa de métricas de software FATTO Consultoria e Sistemas - www.fattocs.com.br 1 A contribuição de Pontos de Função para um programa de métricas de software 3ª Jornada de TI do Banco do Brasil Dez/2008 Brasília-DF Guilherme Siqueira

Leia mais

Estimativa de Projetos de Software com Pontos de Função

Estimativa de Projetos de Software com Pontos de Função Estimativa de Projetos de Software com Pontos de Função Intercambio Empresarial FUMSOFT 29/05/12 Belo Horizonte MG Brasil Sejam Todos Bem-Vindos 1 FATTO Consultoria e Sistemas Missão: Ajudar nossos clientes

Leia mais

Pontos de Função na Engenharia de Software

Pontos de Função na Engenharia de Software Pontos de Função na Engenharia de Software Diana Baklizky, CFPS Este documento contém informações extraídas do Manual de Práticas de Contagem do IFPUG. Essas informações são reproduzidas com a permissão

Leia mais

FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS

FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS Análise de Pontos de Função: Medição e Estimativas de Software Guilherme Siqueira Simões 17/11/2015 FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS 2015 FATTO Consultoria e Sistemas www.fattocs.com 1 ORIENTAÇÕES INICIAIS

Leia mais

Implantação de um Processo de Medições de Software

Implantação de um Processo de Medições de Software Departamento de Informática BFPUG Brazilian Function Point Users Group Implantação de um Processo de Medições de Software Claudia Hazan, MSc., CFPS claudinhah@yahoo.com Agenda Introdução Processo de Medições

Leia mais

Aplicações da FPA em Insourcing e Fábrica de Software

Aplicações da FPA em Insourcing e Fábrica de Software Aplicações da FPA em Insourcing e Fábrica de Software Copyright 2002 por FATTO CONSULTORIA E SISTEMA LTDA. Esta publicação não poderá ser reproduzida ou transmitida por qualquer modo ou meio, no todo ou

Leia mais

Orientações iniciais. FATTO Consultoria e Sistemas - www.fattocs.com

Orientações iniciais. FATTO Consultoria e Sistemas - www.fattocs.com 1 Orientações iniciais Dê preferência ao uso de uma conexão de banda larga O evento não fará uso do vídeo (webcam), somente slides e áudio Se necessário, ajuste o idioma da sala na barra de ferramentas

Leia mais

O evento não fará uso do vídeo (webcam), somente slides e áudio. Se necessário, ajuste o idioma da sala na barra de ferramentas superior

O evento não fará uso do vídeo (webcam), somente slides e áudio. Se necessário, ajuste o idioma da sala na barra de ferramentas superior Orientações iniciais Dê preferência ao uso de uma conexão de banda larga O evento não fará uso do vídeo (webcam), somente slides e áudio Se necessário, ajuste o idioma da sala na barra de ferramentas superior

Leia mais

Estudo comparativo de contagens usando o CPM, NESMA Estimada e FP Lite TM na Dataprev

Estudo comparativo de contagens usando o CPM, NESMA Estimada e FP Lite TM na Dataprev Estudo comparativo de contagens usando o CPM, NESMA Estimada e FP Lite TM na Dataprev Mauricio Koki Matsutani (DATAPREV) Luiz Flavio Santos Ribeiro (DATAPREV) Estudo comparativo de contagens usando o CPM,

Leia mais

2010 INTERNATIONAL SOFTWARE MEASUREMENT & ANALYSIS CONFERENCE

2010 INTERNATIONAL SOFTWARE MEASUREMENT & ANALYSIS CONFERENCE 2010 INTERNATIONAL SOFTWARE MEASUREMENT & ANALYSIS CONFERENCE Melhoria Contínua - Análise de Pontos de Função como uma Ferramenta de Qualidade Laboratório de Engenharia de Software da PUC Centro de Competência

Leia mais

Copyright Total Metrics

Copyright Total Metrics Introdução A contagem de pontos de função pode ser realizada em vários "níveis", os quais fornecem uma contagem que tem: Decisões documentadas para diferentes níveis de detalhe Resultados com diferentes

Leia mais

Análise de Pontos de Função. O metro quadrado do software

Análise de Pontos de Função. O metro quadrado do software Análise de Pontos de Função O metro quadrado do software .: Objetivos :. Sensibilizar a audiência quanto à necessidade de medição de software Apresentar as principais aplicações da FPA como unidade de

Leia mais

Análise de Pontos por Função

Análise de Pontos por Função Análise de Pontos por Função Uma Aplicação na Gerência de Subcontratação de Software Claudia Hazan, MSc. Certified Function Point Specialist Agenda! Introdução à Gerência de Subcontratação! Melhores Práticas:!

Leia mais

Núcleo de Métricas: Alcançando a Excelência na Governança de TI

Núcleo de Métricas: Alcançando a Excelência na Governança de TI Núcleo de Métricas: Alcançando a Excelência na Governança de TI Gustavo Siqueira Simões - PMP e CFPS http://www.linkedin.com/in/gustavosimoes gustavo.simoes@fattocs.com.br skype: gustavosimoes +55(11)

Leia mais

OUTSOURCING NO DESENVOLVIMENTO E MANUTENÇÃO DE SOFTWARE Como gerir sem supervisionar? OUTSOURCING NO DESENVOLVIMENTO E MANUTENÇÃO DE SOFTWARE

OUTSOURCING NO DESENVOLVIMENTO E MANUTENÇÃO DE SOFTWARE Como gerir sem supervisionar? OUTSOURCING NO DESENVOLVIMENTO E MANUTENÇÃO DE SOFTWARE FATTO Consultoria e Sistema OUTSOURCING NO DESENVOLVIMENTO E MANUTENÇÃO DE SOFTWARE Como gerir sem supervisionar? OUTSOURCING NO DESENVOLVIMENTO E MANUTENÇÃO DE SOFTWARE Outsourcing no desenvolvimento

Leia mais

Implantação dos Processos Gerência de Projeto e Medição com Auxílio de Ferramenta Baseada em Planilhas Carlos Simões Claudia Lasmar Gleison Santos

Implantação dos Processos Gerência de Projeto e Medição com Auxílio de Ferramenta Baseada em Planilhas Carlos Simões Claudia Lasmar Gleison Santos Implantação dos Processos Gerência de Projeto e Medição com Auxílio de Ferramenta Baseada em Planilhas Carlos Simões Claudia Lasmar Gleison Santos Agenda: Carlos Simões cs@synapsisbrasil.com.br carlossimoes@cos.ufrj.br

Leia mais

Quanto Pagar por Ponto de Função?

Quanto Pagar por Ponto de Função? Quanto Pagar por Ponto de Função? Qualquer preço é o menor preço se há inflação na medição 2ª CONFERÊNCIA BRASILEIRA DE MEDIÇÃO E ANÁLISE DE SOFTWARE SÃO PAULO, 11/11/11 Carlos Eduardo Vazquez & Guilherme

Leia mais

Análise de Ponto de Teste. Uma proposta de adaptação

Análise de Ponto de Teste. Uma proposta de adaptação Análise de Ponto de Teste Uma proposta de adaptação Agenda Histórico O que é Análise de Ponto de Teste (APT)? A Técnica APT Dificuldades no uso da APT Proposta de adaptação Análise de Ponto de Teste Adaptada

Leia mais

Orientações iniciais

Orientações iniciais 1 Dê preferência ao uso de uma conexão de banda larga O evento não fará uso do vídeo (webcam), somente slides e áudio Se necessário, ajuste o idioma da sala na barra de ferramentas superior O evento terá

Leia mais

Modelos de Negócio Baseados em Pontos de Função

Modelos de Negócio Baseados em Pontos de Função Modelos de Negócio Baseados em Pontos de Função Mauricio Aguiar e Diana Baklizky ti MÉTRICAS Av. Rio Branco, 181/1910 Rio de Janeiro, RJ R. Domingos de Morais, 2243/36 São Paulo, SP Brasil www.metricas.com.br

Leia mais

Análise de Ponto de Função APF. Aula 08

Análise de Ponto de Função APF. Aula 08 Análise de Ponto de Função APF Aula 08 Agenda Parte 01 Introdução a Métricas de Software Parte 02 A Técnica de APF Técnicas de Contagem Verificação de Requisitos Estimativas (Modelos e Ferramentas) Gerenciamento

Leia mais

15/06/2011. Pontos de Função e Agilidade. Felipe Foliatti. Sumário. Pontos de Função. Métodos Ágeis. Cenário do Projeto.

15/06/2011. Pontos de Função e Agilidade. Felipe Foliatti. Sumário. Pontos de Função. Métodos Ágeis. Cenário do Projeto. Pontos de Função e Agilidade Felipe Foliatti Sumário Pontos de Função Métodos Ágeis Cenário do Projeto Conclusões 1 Pontos de Função? Não sepode controlar o que não se pode medir Tom DeMarco Surgiu com

Leia mais

Orientações iniciais. FATTO Consultoria e Sistemas - www.fattocs.com

Orientações iniciais. FATTO Consultoria e Sistemas - www.fattocs.com 1 Orientações iniciais Dê preferência ao uso de uma conexão de banda larga O evento não fará uso do vídeo (webcam), somente slides e áudio Se necessário, ajuste o idioma da sala na barra de ferramentas

Leia mais

Orientações iniciais. FATTO Consultoria e Sistemas - www.fattocs.com

Orientações iniciais. FATTO Consultoria e Sistemas - www.fattocs.com 1 Orientações iniciais Dê preferência ao uso de uma conexão de banda larga O evento não fará uso do vídeo (webcam), somente slides e áudio Se necessário, ajuste o idioma da sala na barra de ferramentas

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ - UFPR Bacharelado em Ciência da Computação

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ - UFPR Bacharelado em Ciência da Computação SOFT DISCIPLINA: Engenharia de Software AULA NÚMERO: 13B DATA: / / PROFESSOR: Andrey APRESENTAÇÃO O objetivo desta aula é apresentar, discutir o conceito de métricas de software orientadas a função. DESENVOLVIMENTO

Leia mais

Pontos de Função. André Chastel Lima Andréia Ferreira Pinto Diego Souza Campos. Engenharia de Software Mestrado Ciência da Computação - UFMS

Pontos de Função. André Chastel Lima Andréia Ferreira Pinto Diego Souza Campos. Engenharia de Software Mestrado Ciência da Computação - UFMS Pontos de Função André Chastel Lima Andréia Ferreira Pinto Diego Souza Campos Engenharia de Software Mestrado Ciência da Computação - UFMS Roteiro Introdução Métricas de Projeto Análise de Pontos de Função

Leia mais

Claudia Hazan, MSc. Claudinhah@yahoo.com

Claudia Hazan, MSc. Claudinhah@yahoo.com Implementação de um Processo de Medições de Software Claudia Hazan, MSc. Certified Function Point Specialist Claudinhah@yahoo.com Agenda Introdução Qualidade de Software Medições de Software Análise de

Leia mais

DIMENSIONANDO PROJETOS DE WEB-ENABLING. Uma aplicação da Análise de Pontos de Função. Dimensionando projetos de Web- Enabling

DIMENSIONANDO PROJETOS DE WEB-ENABLING. Uma aplicação da Análise de Pontos de Função. Dimensionando projetos de Web- Enabling DIMENSIONANDO PROJETOS DE WEB-ENABLING Uma aplicação da Análise de Pontos de Função Dimensionando projetos de Web- Enabling Índice INTRODUÇÃO...3 FRONTEIRA DA APLICAÇÃO E TIPO DE CONTAGEM...3 ESCOPO DA

Leia mais

MÉTRICAS DE SOFTWARE

MÉTRICAS DE SOFTWARE MÉTRICAS DE SOFTWARE 1 Motivação Um dos objetivos básicos da Engenharia de Software é transformar o desenvolvimento de sistemas de software, partindo de uma abordagem artística e indisciplinada, para alcançar

Leia mais

Gestão de Contratos de Desenvolvimento de Software com a Análise de Pontos de Função

Gestão de Contratos de Desenvolvimento de Software com a Análise de Pontos de Função Gestão de Contratos de Desenvolvimento de Software com a Análise de Pontos de Função Carlos Eduardo Vazquez, Guilherme Siqueira Simões e Renato Machado Albert Resumo: Este trabalho aborda a aplicação da

Leia mais

Melhores Práticas em TI

Melhores Práticas em TI Melhores Práticas em TI Referências Implantando a Governança de TI - Da Estratégia à Gestão de Processos e Serviços - 2ª Edição Edição - AGUINALDO ARAGON FERNANDES, VLADIMIR FERRAZ DE ABREU. An Introductory

Leia mais

FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS

FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS Gestão de Riscos Como lidar com as incertezas do Projeto? Thomaz Ottoni da Fonseca 04/11/2015 FATTO CONSULTORIA E SISTEMAS 2015 FATTO Consultoria e Sistemas www.fattocs.com 1 ORIENTAÇÕES INICIAIS Dê preferência

Leia mais

ENGENHARIA DE SOFTWARE Prof. Ricardo Rodrigues Barcelar http://www.ricardobarcelar.com.br

ENGENHARIA DE SOFTWARE Prof. Ricardo Rodrigues Barcelar http://www.ricardobarcelar.com.br - MÓDULO 2.1 - ANÁLISE DE PONTO POR FUNÇÃO - APF 1. INTRODUÇÃO Criada em 1979 por Allan J. Albrecht (IBM), a APF - ANÁLISE DE PONTOS POR FUNÇÃO é uma técnica para medição de projetos cujo objeto seja o

Leia mais

Quanto pagar por um ponto de função?

Quanto pagar por um ponto de função? Quanto pagar por um ponto de função? 1 Missão: Ajudar nossos clientes a planejar e controlar melhor seus projetos de software. Consultoria e Treinamento em Medição, Estimativas e Requisitos de Software:

Leia mais

Definition of a Measurement Guide for Data Warehouse Projects

Definition of a Measurement Guide for Data Warehouse Projects Definition of a Measurement Guide for Data Warehouse Projects Claudia Hazan Serviço Federal de Processamento de Dados (SERPRO) SGAN Quadra 601 Modulo V Brasilia, DF, CEP: 70836-900 BRAZIL 1 Agenda Cenário:

Leia mais

Uma Aplicação da Análise de Pontos de Função

Uma Aplicação da Análise de Pontos de Função Uma Aplicação da Análise de Pontos de Função no Planejamento e Auditoria de Custos de Projetos de Desenvolvimento de Sistemas Renato Cesar da Cunha Ferreira renato.cesar@papem.mar.mil.br Pagadoria de Pessoal

Leia mais

15/03/2010. Análise por pontos de função. Análise por Pontos de Função. Componentes dos Pontos de Função. Componentes dos Pontos de Função

15/03/2010. Análise por pontos de função. Análise por Pontos de Função. Componentes dos Pontos de Função. Componentes dos Pontos de Função Análise por pontos de função Análise por Pontos de Função Referência: Manual de práticas de contagem IFPUG Versão 4.2.1 Técnica que permite medir a funcionalidade de um software ou aplicativo, sob a visão

Leia mais

Gestão de contratos de Fábrica de Software. Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo

Gestão de contratos de Fábrica de Software. Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo Gestão de contratos de Fábrica de Software Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo Agenda Diretriz (Método Ágil); Objeto de contratação; Volume de serviços estimado; Plataformas de Desenvolvimento;

Leia mais

MINI-CURSO Gerenciamento de Projetos para Economistas

MINI-CURSO Gerenciamento de Projetos para Economistas MINI-CURSO Gerenciamento de Projetos para Economistas ECONOMISTA - RIVAS ARGOLO 2426/D 62 9905-6112 RIVAS_ARGOLO@YAHOO.COM.BR Objetivo deste mini curso : Mostrar os benefícios do gerenciamento de projetos

Leia mais

Function Point Analysis: Uma Aplicação na Gestão de Projetos de Manutenção de Software

Function Point Analysis: Uma Aplicação na Gestão de Projetos de Manutenção de Software Function Point Analysis: Uma Aplicação na Gestão de Projetos de Manutenção de Software Claudia Hazan, CFPS CENÁRIO MANUTENÇÃO DE SOFTWARE Definição Desenvolvimento Manutenção GERÊNCIA DA MANUTENÇÃO Planejar

Leia mais

Conteúdo. Disciplina: INF 02810 Engenharia de Software. Monalessa Perini Barcellos

Conteúdo. Disciplina: INF 02810 Engenharia de Software. Monalessa Perini Barcellos Universidade Federal do Espírito Santo Centro Tecnológico Departamento de Informática Disciplina: INF 02810 Prof.: (monalessa@inf.ufes.br) Conteúdo 1. Introdução 2. Processo de Software 3. Gerência de

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA CENTRO DE TECNOLOGIA AULA 10 PROFª BRUNO CALEGARO

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA CENTRO DE TECNOLOGIA AULA 10 PROFª BRUNO CALEGARO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA CENTRO DE TECNOLOGIA AULA 10 PROFª BRUNO CALEGARO Santa Maria, 10 de Outubro de 2013. Revisão aula anterior Documento de Requisitos Estrutura Padrões Template Descoberta

Leia mais

Qualidade de Processo de Software Normas ISO 12207 e 15504

Qualidade de Processo de Software Normas ISO 12207 e 15504 Especialização em Gerência de Projetos de Software Qualidade de Processo de Software Normas ISO 12207 e 15504 Prof. Dr. Sandro Ronaldo Bezerra Oliveira srbo@ufpa.br Qualidade de Software 2009 Instituto

Leia mais

- Project Management Institute. Disciplina de Engenharia de Software. PMP- Project Management Professional PMBOK

- Project Management Institute. Disciplina de Engenharia de Software. PMP- Project Management Professional PMBOK Disciplina de Engenharia de Software Material elaborado por Windson Viana de Carvalho e Rute Nogueira Pinto em 19/07/2004 Material alterado por Rossana Andrade em 22/04/2009 - Project Management Institute

Leia mais

Estimativas de Software Fundamentos, Técnicas e Modelos... e o principal, integrando isso tudo!

Estimativas de Software Fundamentos, Técnicas e Modelos... e o principal, integrando isso tudo! Estimativas de Software Fundamentos, Técnicas e Modelos... e o principal, integrando isso tudo! Como usar de forma consistente PF, COCOMOIl, Simulação de Monte Carlo e seu bom senso em estimativas de software

Leia mais

5. Contagem de Pontos de Função no Desenvolvimento de Software utilizando Métodos Ágeis

5. Contagem de Pontos de Função no Desenvolvimento de Software utilizando Métodos Ágeis 5. Contagem de Pontos de Função no Desenvolvimento de Software utilizando Métodos Ágeis Este capítulo descreve orientações, sobre a utilização da métrica Ponto de Função, para medição e remuneração de

Leia mais

Diretrizes Complementares para Aplicação da Análise de Pontos de Função no PAD

Diretrizes Complementares para Aplicação da Análise de Pontos de Função no PAD Diretrizes Complementares para Aplicação da Análise de Pontos de Função no PAD Ricardo Gaspar (21) 2172-8078 ricardo.gaspar@bndes.gov.br 10 de Junho de 2013 Agenda Contextualização Diretrizes de Contagem

Leia mais

Gerenciamento de Projetos Modulo I Conceitos Iniciais

Gerenciamento de Projetos Modulo I Conceitos Iniciais Gerenciamento de Projetos Modulo I Conceitos Iniciais Prof. Walter Cunha falecomigo@waltercunha.com http://waltercunha.com Bibliografia* Project Management Institute. Conjunto de Conhecimentos em Gerenciamento

Leia mais

Gerando Estimativas Confiáveis com COCOMO II e o Banco de Dados do ISBSG

Gerando Estimativas Confiáveis com COCOMO II e o Banco de Dados do ISBSG www.metricas.com.br Gerando Estimativas Confiáveis com COCOMO II e o Banco de Dados do ISBSG Mauricio Aguiar, CFPS PSM Qualified Instructor ti MÉTRICAS Ltda DEZ 2002 mauricio@metricas.com.br www.metricas.com.br

Leia mais

Gerenciamento de Serviços de TIC. ISO/IEC 20.000 / ITIL V2 e V3

Gerenciamento de Serviços de TIC. ISO/IEC 20.000 / ITIL V2 e V3 Gerenciamento de Serviços de TIC ISO/IEC 20.000 / ITIL V2 e V3 Agenda O que é serviço de TIC? O que é Qualidade de Serviços de TIC? O que é Gerenciamento de Serviços de TIC? ISO IEC/20.000-2005 ITIL versão

Leia mais

O Impacto da Engenharia de Requisitos no Processo de Métricas. Fátima Cesarino CAIXA

O Impacto da Engenharia de Requisitos no Processo de Métricas. Fátima Cesarino CAIXA O Impacto da Engenharia de Requisitos no Processo de Métricas Fátima Cesarino CAIXA Apresentação Diferentes Cenários Desenvolvimento Software Importância do SISP Agradecimento Oportunidade Responsabilidade

Leia mais

Diretrizes Propostas para Aplicação da APF em Programa Envolvendo Tecnologias Recentes Tais como Barramento, BPMS e Portal

Diretrizes Propostas para Aplicação da APF em Programa Envolvendo Tecnologias Recentes Tais como Barramento, BPMS e Portal Diretrizes Propostas para Aplicação da APF em Programa Envolvendo Tecnologias Recentes Tais como Barramento, BPMS e Portal Ricardo Gaspar, CFPS (21) 2172-8078 ricardo.gaspar@bndes.gov.br 29 de Novembro

Leia mais

Manual de administração

Manual de administração Manual de administração Como fazer outsourcing dos sistemas de informação Índice Introdução Passo 1 - Definir o enquadramento Passo 2 - Analisar os recursos e serviços internos Passo 3 - Analisar os recursos

Leia mais

Padrões de Qualidade e Métricas de Software. Aécio Costa

Padrões de Qualidade e Métricas de Software. Aécio Costa Padrões de Qualidade e Métricas de Software Aécio Costa Qual o Principal objetivo da Engenharia de Software? O principal objetivo da Engenharia de Software (ES) é ajudar a produzir software de qualidade;

Leia mais

Desmistificando Pontos de Função: Entendendo a Terminologia por Carol A. Dekkers, Quality Plus Technologies, Inc. email: dekkers@qualityplustech.

Desmistificando Pontos de Função: Entendendo a Terminologia por Carol A. Dekkers, Quality Plus Technologies, Inc. email: dekkers@qualityplustech. Desmistificando Pontos de Função: Entendendo a Terminologia por Carol A. Dekkers, Quality Plus Technologies, Inc. email: dekkers@qualityplustech.com Abstrato: A análise de Pontos de Função é uma abordagem

Leia mais

Planejamento de Projetos. Professor Gabriel Baptista ( gabriel.baptista@uninove.br ) ( http://sites.google.com/site/professorgabrielbaptista )

Planejamento de Projetos. Professor Gabriel Baptista ( gabriel.baptista@uninove.br ) ( http://sites.google.com/site/professorgabrielbaptista ) Qualidade de Software Aula 9 (Versão 2012-01) 01) Planejamento de Projetos Professor Gabriel Baptista ( gabriel.baptista@uninove.br ) ( http://sites.google.com/site/professorgabrielbaptista ) Revisando...

Leia mais

1 2009 CBG Centro Brasileiro de Gestão

1 2009 CBG Centro Brasileiro de Gestão 1 2009 CBG Centro Brasileiro de Gestão ISO 9001:2015 Histórico da série 2 2009 CBG Centro Brasileiro de Gestão Histórico da série REVISÕES DA SÉRIE ISO 9000 2000 2008 2015 1994 1987 3 2009 CBG Centro Brasileiro

Leia mais

Estudo de Caso. Projeto Correspondência Eletrônica nos Correios S.A.

Estudo de Caso. Projeto Correspondência Eletrônica nos Correios S.A. Estudo de Caso Projeto Correspondência Eletrônica nos Correios S.A. A Presidência dos Correios vislumbrou a possibilidade da Empresa apresentar aos seus clientes um novo serviço, que foi denominado de

Leia mais

Eduardo Alves de Oliveira. eduaopec@yahoo.com.br IME Instituo Militar de Engenharia LES PUC-Rio Laboratório de Engenharia de Software da Puc - Rio

Eduardo Alves de Oliveira. eduaopec@yahoo.com.br IME Instituo Militar de Engenharia LES PUC-Rio Laboratório de Engenharia de Software da Puc - Rio Eduardo Alves de Oliveira eduaopec@yahoo.com.br IME Instituo Militar de Engenharia LES PUC-Rio Laboratório de Engenharia de Software da Puc - Rio Processo de Desenvolvimento de Software; Produtividade:

Leia mais

Engenharia de Software II: Criando a Declaração de Escopo. Prof. Msc Ricardo Britto DIE-UFPI rbritto@ufpi.edu.br

Engenharia de Software II: Criando a Declaração de Escopo. Prof. Msc Ricardo Britto DIE-UFPI rbritto@ufpi.edu.br Engenharia de Software II: Criando a Declaração de Escopo Prof. Msc Ricardo Britto DIE-UFPI rbritto@ufpi.edu.br Sumário Desenvolvendo o Plano de Gerenciamento do Projeto. Coletando Requisitos. Declarando

Leia mais

Qualidade de Software. Profa. Cátia dos Reis Machado catia@ifc-camboriu.edu.br

Qualidade de Software. Profa. Cátia dos Reis Machado catia@ifc-camboriu.edu.br Qualidade de Software Profa. Cátia dos Reis Machado catia@ifc-camboriu.edu.br Verificação x validação Verificação prova que o produto vai ao encontro dos requerimentos especificados no desenvolvimento

Leia mais

Reuse in a Distributed Environment

Reuse in a Distributed Environment Reuse in a Distributed Environment É possível aplicar APF em um Ambiente Ágil? Alcione Ramos, MSc, CFPS, PMP, CSD Cejana Maciel, MSc, Scrum Master, ITIL, COBIT Ponto de função é coisa dos anos 70. É uma

Leia mais

Uso de Métricas em Contratos de Fábrica de Software Roteiro de Métricas do SISP 2.0

Uso de Métricas em Contratos de Fábrica de Software Roteiro de Métricas do SISP 2.0 Uso de Métricas em Contratos de Fábrica de Software Roteiro de Métricas do SISP 2.0 Claudia Hazan claudia.hazan@serpro.gov.br claudia.hazan@serpro.gov.br 1 Objetivos Definir a Métrica Pontos de Função

Leia mais

Dimensionamento de Sistemas na REDEPRO Paulo Roberto de Miranda Samarani

Dimensionamento de Sistemas na REDEPRO Paulo Roberto de Miranda Samarani 4º Seminário REDEPRO Julho/2006 1 Dimensionamento de Sistemas na REDEPRO Paulo Roberto de Miranda Samarani samarani@procergs.rs.gov.br 2 Agenda Contextualização Processo de medição Estimativas de tamanho

Leia mais

Referências internas são os artefatos usados para ajudar na elaboração do PT tais como:

Referências internas são os artefatos usados para ajudar na elaboração do PT tais como: Plano de Teste (resumo do documento) I Introdução Identificador do Plano de Teste Esse campo deve especificar um identificador único para reconhecimento do Plano de Teste. Pode ser inclusive um código

Leia mais

MASTER IN PROJECT MANAGEMENT

MASTER IN PROJECT MANAGEMENT MASTER IN PROJECT MANAGEMENT PROJETOS E COMUNICAÇÃO PROF. RICARDO SCHWACH MBA, PMP, COBIT, ITIL Atividade 1 Que modelos em gestão de projetos estão sendo adotados como referência nas organizações? Como

Leia mais

Orientações iniciais. FATTO Consultoria e Sistemas - www.fattocs.com

Orientações iniciais. FATTO Consultoria e Sistemas - www.fattocs.com 1 Orientações iniciais Dê preferência ao uso de uma conexão de banda larga O evento não fará uso do vídeo (webcam), somente slides e áudio Se necessário, ajuste o idioma da sala na barra de ferramentas

Leia mais

Integrando o PSM ao COBIT

Integrando o PSM ao COBIT Integrando o PSM ao COBIT Diana Baklizky, CFPS Qualified PSM Instructor ti MÉTRICAS Ltda www.metricas.com.br 1 Agenda Objetivo Governança de TI COBIT 4.1 Como o PSM pode ajudar Caso Prático Conclusão Referências

Leia mais

Presidente do Quality Assurance Institute QAI Brasil Presidente do International Function Point Users Group IFPUG. Definindo e Alcançando Objetivos

Presidente do Quality Assurance Institute QAI Brasil Presidente do International Function Point Users Group IFPUG. Definindo e Alcançando Objetivos Derivação de Métricas para Projetos de BI Mauricio Aguiar ti MÉTRICAS Presidente do Quality Assurance Institute QAI Brasil Presidente do International Function Point Users Group IFPUG www.metricas.com.br

Leia mais

Gestão de T.I. GESTÃO DE T.I. ITIL. José Luís Padovan jlpadovan@gmail.com

Gestão de T.I. GESTÃO DE T.I. ITIL. José Luís Padovan jlpadovan@gmail.com GESTÃO DE T.I. José Luís Padovan jlpadovan@gmail.com 1 Information Technology Infrastructure Library 2 O que é o? Information Technology Infrastructure Library é uma biblioteca composta por sete livros

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA DE ALAGOAS COORDENADORIA SETORIAL DE GESTÃO DA INFORMÁTICA E INFORMAÇÃO

GOVERNO DO ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA DE ALAGOAS COORDENADORIA SETORIAL DE GESTÃO DA INFORMÁTICA E INFORMAÇÃO RESPOSTA AOS QUESTIONAMENTOS DA UNITECH 1) No item 5.2 dos critérios de qualidade, entendemos que não será aceita declaração, desacompanhada do certificado de qualidade. É correto o nosso entendimento?

Leia mais

FANESE Faculdade de Administração e Negócios de Sergipe

FANESE Faculdade de Administração e Negócios de Sergipe I FANESE Faculdade de Administração e Negócios de Sergipe GERENCIAMENTO DE PATCHES Atualizações de segurança Aracaju, Agosto de 2009 DAYSE SOARES SANTOS LUCIELMO DE AQUINO SANTOS II GERENCIAMENTO DE PATCHES

Leia mais

GARANTIA DA QUALIDADE DE SOFTWARE

GARANTIA DA QUALIDADE DE SOFTWARE GARANTIA DA QUALIDADE DE SOFTWARE Fonte: http://www.testexpert.com.br/?q=node/669 1 GARANTIA DA QUALIDADE DE SOFTWARE Segundo a NBR ISO 9000:2005, qualidade é o grau no qual um conjunto de características

Leia mais

Padrões de Qualidade de Software

Padrões de Qualidade de Software Universidade Federal do Vale do São Francisco Padrões de Qualidade de Software Engenharia de Software I Aula 4 Ricardo Argenton Ramos Agenda da Aula Introdução (Qualidade de Software) Padrões de Qualidade

Leia mais

A IN/SLTI nº 04/2008 e Avaliação dos Resultados Análise de Pontos de Função Âmbito do SISP The IN SLTI 04/2008 and Results Assessment

A IN/SLTI nº 04/2008 e Avaliação dos Resultados Análise de Pontos de Função Âmbito do SISP The IN SLTI 04/2008 and Results Assessment A IN/SLTI nº 04/2008 e Avaliação dos Resultados Análise de Pontos de Função Âmbito do SISP The IN SLTI 04/2008 and Results Assessment Cláudio Muniz Machado Cavalcanti claudio.cavalcanti@planejamento.gov.br

Leia mais

ESTRUTURA ISO 9.001:2008

ESTRUTURA ISO 9.001:2008 Sistema de Gestão Qualidade (SGQ) ESTRUTURA ISO 9.001:2008 Objetivos: Melhoria da norma existente; Melhoria do entendimento e facilidade de uso; Compatibilidade com a ISO 14001:2004; Foco Melhorar o entendimento

Leia mais

Elaboração dos documentos

Elaboração dos documentos Estudo de Caso Área de conhecimento Gerência de Escopo Projeto Correspondência Eletrônica nos Correios S.A. A Presidência dos Correios vislumbrou a possibilidade da Empresa apresentar aos seus clientes

Leia mais

Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas (MDS - ANEEL)

Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas (MDS - ANEEL) Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas (MDS - ANEEL) Versão 2.0 Escritório de Gerenciamento de Projetos - EGP Superintendência da Gestão Técnica da Informação SGI Agência Nacional de Energia Elétrica

Leia mais

Módulo 2. Estrutura da norma ISO 9001:2008 Sistemas de Gestão da Qualidade Requisitos 0, 1, 2, 3 e 4/4, Exercícios

Módulo 2. Estrutura da norma ISO 9001:2008 Sistemas de Gestão da Qualidade Requisitos 0, 1, 2, 3 e 4/4, Exercícios Módulo 2 Estrutura da norma ISO 9001:2008 Sistemas de Gestão da Qualidade Requisitos 0, 1, 2, 3 e 4/4, Exercícios Norma NBR ISO 9001:2008 - Índice 0 - Introdução 1 - Escopo 2 - Referência Normativa 3 -

Leia mais

GESTÃO DE PROJETOS PARA A INOVAÇÃO

GESTÃO DE PROJETOS PARA A INOVAÇÃO GESTÃO DE PROJETOS PARA A INOVAÇÃO Indicadores e Diagnóstico para a Inovação Primeiro passo para implantar um sistema de gestão nas empresas é fazer um diagnóstico da organização; Diagnóstico mapa n-dimensional

Leia mais

CIGAM SOFTWARE CORPORATIVA LTDA.

CIGAM SOFTWARE CORPORATIVA LTDA. CIGAM SOFTWARE CORPORATIVA LTDA. Raquel Engeroff Neusa Cristina Schnorenberger Novo Hamburgo RS Vídeo Institucional Estratégia Visão Missão Ser uma das 5 maiores empresas de software de gestão empresarial

Leia mais

COMPETÊNCIA, CONSCIENTIZAÇÃO E TREINAMENTO

COMPETÊNCIA, CONSCIENTIZAÇÃO E TREINAMENTO COMPETÊNCIA, CONSCIENTIZAÇÃO E TREINAMENTO OBJETIVO DA SEÇÃO Esta seção apresenta a Competência, Conscientização e do Sistema da Qualidade da TELEDATA que atende ao item 6.2.2 Norma ISO 9001:2008. DIRETRIZES

Leia mais

Como Definir Processos de Estimativas aderentes às Melhores Práticas do CMMI?

Como Definir Processos de Estimativas aderentes às Melhores Práticas do CMMI? Como Definir Processos de Estimativas aderentes às Melhores Práticas do CMMI? Claudia Hazan Serviço Federal de Processamento de Dados (SERPRO) Cenário Sintomas da Crise do Software As estimativas de prazo

Leia mais

Implementação utilizando as melhores práticas em Gestão de Projetos

Implementação utilizando as melhores práticas em Gestão de Projetos Implementação utilizando as melhores práticas em Gestão de Projetos Objetivo dessa aula é mostrar a importância em utilizar uma metodologia de implantação de sistemas baseada nas melhores práticas de mercado

Leia mais

Introdução - Cenário

Introdução - Cenário Como evitar Armadilhas em Contratos de Software Baseados na Métrica Pontos de Função Claudia Hazan Serviço Federal de Processamento de Dados (SERPRO) 1 Introdução - Cenário Demanda crescente por Sistemas

Leia mais

Jonas de Souza H2W SYSTEMS

Jonas de Souza H2W SYSTEMS Jonas de Souza H2W SYSTEMS 1 Tecnólogo em Informática Fatec Jundiaí MBA em Gerenciamento de Projetos FGV Project Management Professional PMI Mestrando em Tecnologia UNICAMP Metodologia de apoio à aquisição

Leia mais

Fábrica de Software 29/04/2015

Fábrica de Software 29/04/2015 Fábrica de Software 29/04/2015 Crise do Software Fábrica de Software Analogias costumam ser usadas para tentar entender melhor algo ou alguma coisa. A idéia é simples: compara-se o conceito que não se

Leia mais

Pós-Graduação em Gerenciamento de Projetos práticas do PMI

Pós-Graduação em Gerenciamento de Projetos práticas do PMI Pós-Graduação em Gerenciamento de Projetos práticas do PMI Planejamento do Gerenciamento das Comunicações (10) e das Partes Interessadas (13) PLANEJAMENTO 2 PLANEJAMENTO Sem 1 Sem 2 Sem 3 Sem 4 Sem 5 ABRIL

Leia mais

Pós-Graduação em Gerenciamento de Projetos práticas do PMI

Pós-Graduação em Gerenciamento de Projetos práticas do PMI Pós-Graduação em Gerenciamento de Projetos práticas do PMI Planejamento do Gerenciamento das Comunicações (10) e das Partes Interessadas (13) PLANEJAMENTO 2 PLANEJAMENTO Sem 1 Sem 2 Sem 3 Sem 4 Sem 5 ABRIL

Leia mais

ISO 9001:2015 Nova versão porque e quando?

ISO 9001:2015 Nova versão porque e quando? ISO 9001:2015 Nova versão porque e quando? A publicação prevista para Novembro de 2015 tem como propósito refletir as mudanças no ambiente em que a norma é usada e garantir que a mesma mantenha-se adequada

Leia mais

Políticas de Segurança da Informação. Aécio Costa

Políticas de Segurança da Informação. Aécio Costa Aécio Costa A segurança da informação é obtida a partir da implementação de um conjunto de controles adequados, incluindo políticas, processos, procedimentos, estruturas organizacionais e funções de software

Leia mais

Segurança da Informação e Proteção ao Conhecimento. Douglas Farias Cordeiro

Segurança da Informação e Proteção ao Conhecimento. Douglas Farias Cordeiro Segurança da Informação e Proteção ao Conhecimento Douglas Farias Cordeiro ABNT NBR ISO/IEC 27002 Introdução Termos e definições Ativo: Qualquer coisa que possua valor para organização; Controle: Forma

Leia mais

A visão do modelo MPS.BR para Gerência de Projeto - Nível G. por Adriana Silveira de Souza

A visão do modelo MPS.BR para Gerência de Projeto - Nível G. por Adriana Silveira de Souza A visão do modelo MPS.BR para Gerência de Projeto - Nível G por Adriana Silveira de Souza Agenda Visão Geral do MPS.BR Processos e Capacidade de Processo Níveis de Maturidade Atributos de Processo Processo

Leia mais

Project Builder: uma Ferramenta de Apoio a Implementação do Processo Gerência de Projetos do MPS.BR

Project Builder: uma Ferramenta de Apoio a Implementação do Processo Gerência de Projetos do MPS.BR Project Builder: uma Ferramenta de Apoio a Implementação do Processo Gerência de Projetos do MPS.BR Bernardo Grassano, Eduardo Carvalho, Analia I.F. Ferreira, Mariano Montoni bernardo.grassano@projectbuilder.com.br,

Leia mais