Criando documentos digitais acessíveis WORD, POWERPOINT E PDF

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Criando documentos digitais acessíveis WORD, POWERPOINT E PDF"

Transcrição

1 Criando documentos digitais acessíveis WORD, POWERPOINT E PDF

2 Criando documentos acessíveis Para que um maior número de pessoas possa ter acesso ao conteúdo de um documento digital, é necessário tomar alguns cuidados. A seguir, vamos conhecer algumas dicas para que seu documento seja mais acessível...

3 Criando documentos acessíveis MICROSOFT WORD

4 Criando documentos acessíveis no Word 1. UBlize os esblos Uma boa dos do Word (Ftulo1, Ftulo2, Ftulo3, etc.) é um dos pontos mais importantes para que um documento do Word seja acessível. sempre os para formatar os Ftulos no lugar de simplesmente modificar a formatação da fonte.

5 Criando documentos acessíveis no Word Por que é importante ublizar os esblos? Facilitam e agilizam a navegação com leitor de tela. Além disso, um usuário cego não tem como perceber visualmente a hierarquia dentro de um texto. No entanto, se um Ftulo foi formatado com o Título 1, por exemplo, quando o leitor passar por ele, irá informar que se trata de um Ftulo de nível 1 e assim por diante.

6 Criando documentos acessíveis no Word Como ublizar os esblos? No Word 2003, os localizam- se na barra de formatação. Clicando na opção Mais..., é possível criar um novo ou modificar os já existentes.

7 Criando documentos acessíveis no Word Como ublizar os esblos? No Word 2007, os localizam- se na aba Início. Se você quiser modificar a formatação de um dos basta clicar sobre ele com o botão direito e escolher a opção Modificar.

8 Criando documentos acessíveis no Word Como ublizar os esblos? No Word 2010, os localizam- se na guia Página Inicial, no grupo ao lado do grupo Parágrafo.

9 Criando documentos acessíveis no Word 2. Descreva as imagens É preciso fornecer uma descrição apropriada às imagens do documento que transmitem conteúdo. Por que é importante descrever as imagens? Pessoas cegas não têm como saber qual o conteúdo de uma imagem. Os leitores de tela apenas informarão o conteúdo de uma imagem se a pessoa que criou o fornecido uma descrição.

10 Criando documentos acessíveis no Word Como descrever as imagens? A descrição de uma imagem pode ser fornecida de três maneiras: inserindo- se a descrição na caixa de texto descrevendo- a na legenda da figura ou no próprio contexto. A seguir, vamos descobrir como funcionam essas três formas de descrever uma imagem.

11 Criando documentos acessíveis no Word Como descrever as imagens? a. A descrição na caixa de texto (texto Alt): o texto inserido na caixa de texto é lido pelo leitor de tela quando o usuário passa pela imagem, mas não fica visível na tela. Para que seja possível que o leitor passe pela imagem durante a navegação, ela precisa estar alinhada ao texto. Veja a seguir como inserir a descrição na caixa de texto

12 Criando documentos acessíveis no Word Texto no Word 2003: Selecione a imagem, vá até a opção Formatar da barra de menu, selecione o item Imagem; na caixa de formatação de imagem, escolha a aba Web (ou, clique com o botão direito sobre a imagem; escolha a opção Formatar Imagem; escolha a aba Web). Na caixa de Texto você deverá digitar a descrição da imagem. Quando finalizar, escolha a opção OK.

13 Criando documentos acessíveis no Word

14 Criando documentos acessíveis no Word Texto no Word 2007: clique com o botão direito sobre a imagem; escolha a opção Tamanho; escolha a aba Texto Alt. Na caixa de Texto você deverá digitar a descrição da imagem.

15 Criando documentos acessíveis no Word Texto no Word 2010: clique com o botão direito sobre a imagem; escolha a opção Formatar Imagem e, a segui, a opção Texto Alt. Digite o texto na caixa Descrição.

16 Criando documentos acessíveis no Word Como descrever as imagens? b. A descrição na legenda da figura: Quando a descrição do conteúdo da imagem está na própria legenda, conforme o exemplo a seguir: Figura 1 ipad da Apple

17 Criando documentos acessíveis no Word Como descrever as imagens? c. A descrição no contexto: É quando a descrição da imagem já está no próprio texto do documento, conforme o exemplo a seguir: A pintura ao lado mostra George Washington e sua expedição cruzando o rio Delaware. Nesta pintura, o artista Emanuel Leutze utilizou luz, cor, forma, perspectiva, proporção e movimento para criar a composição da obra.

18 Criando documentos acessíveis no Word Como descrever as imagens? Existem casos de imagens complexas (gráficos, mapas, organogramas), que irão exigir uma descrição mais detalhada, no próprio contexto, já que a caixa de texto é para descrições sucintas. Essa descrição estará beneficiando não apenas pessoas que leitor de tela, mas também aquelas que possuem dificuldade em compreender dados em gráficos, diagramas complexos, etc., e pessoas com daltonismo ou baixa visão, que poderão ter dificuldade em perceber a diferença entre as cores em um gráfico. Veja o exemplo a seguir:

19 Criando documentos acessíveis no Word O gráfico acima demonstra que 23% das vendas de refeições foram de sanduíches, 20% de saladas, 18% de sopas, 21% de bebidas e 18% foram de sobremesas. Repare que a descrição textual está logo após o gráfico, acessível a todos. Na caixa de texto foi colocado apenas o Ftulo do gráfico.

20 Criando documentos acessíveis no Word Como descrever as imagens? OBS.: Se a descrição que na legenda ou no contexto for suficiente, deve- se tomar o cuidado de deixar a caixa de texto vazia. É importante que você se de que a caixa está realmente vazia, pois, muitas vezes, ela contém o nome do arquivo de imagem ou o endereço da Web de onde a imagem foi e essas informações sem acabarão sendo passadas pelo leitor de tela ao usuário.

21 Criando documentos acessíveis no Word 3. UBlize atalho para iniciar nova página Quando desejar iniciar uma nova página, pressione Ctrl+ Enter, ao invés de teclar Enter inúmeras vezes. Por que é importante ublizar o Ctrl + Enter? Para que o usuário com leitor de tela não precise passar por todas as linhas em branco (que são lidas pelo leitor de tela como em branco ) e possa ir direto ao conteúdo da próxima página.

22 Criando documentos acessíveis no Word 4. Não divida o documento em colunas Evite, sempre que possível, dividir seu documento em colunas. Por que é importante não ublizar divisão em colunas? Na navegação as setas, o leitor de tela passa apenas pela primeira coluna de cada página.

23 Criando documentos acessíveis no Word 5. Não ublize caixas de texto Não insira caixas de texto. Em vez disso, digite normalmente o texto e depois coloque uma borda ao seu redor. O efeito será o mesmo. Por que é importante não ublizar caixas de texto? Os leitores de tela ignoram caixas de texto, ou seja, um usuário leitor de tela não tem acesso ao conteúdo inserido desta forma.

24 Criando documentos acessíveis no Word 6. Evite disponibilizar conteúdo no cabeçalho ou rodapé Evite inserir informações importantes no cabeçalho ou no rodapé do documento. Por que é importante não disponibilizar conteúdo no cabeçalho ou rodapé? Infelizmente, a maioria dos leitores de tela ainda não realiza a leitura de cabeçalho e rodapé

25 Criando documentos acessíveis no Word OBS.: No caso de notas de rodapé, elas poderão ser desde que tenham sido inseridas como notas e não apenas colocando- se um símbolo qualquer (como asteriscos, por exemplo). Quando o leitor de tela JAWS passa pela referência da nota (pelo número), ele avisa ao usuário que se trata de uma nota. Sabendo disso, o usuário um comando específico que realiza a leitura da informação na nota de rodapé.

26 Criando documentos acessíveis no Word 7. Disponibilize sumário com hyperlinks Quando o seu documento for longo ou possuir vários Ftulos, disponibilize um sumário com hyperlinks para as diversas seções do documento. Por que é importante ublizar sumário com hyperlinks? Para facilitar a navegação pelo teclado, tanto para pessoas com deficiência lsica ou mobilidade reduzida quanto para usuários de leitor de tela. Além disso, poder saltar para a seção desejada, sem ter que procurá- la por todo o documento é para todas as pessoas.

27 Criando documentos acessíveis no Word 8. Não ublize células mescladas em tabelas Quando inserir uma tabela, não células mescladas. Além disso, tabelas apenas para dados tabulares e não para modificar o layout, dividir o documento em colunas, etc. Por que é importante não ublizar células mescladas? Os leitores de tela realizam a leitura de forma linear, sem agrupar linhas ou colunas.

28 Criando documentos acessíveis no Word 9. UBlize fontes sem serifa Prefira fontes sem serifa (sans- serif), como Arial e Verdana. Por que é importante ublizar fontes sem serifa? Fontes serifadas dão a impressão de estarem unidas devido aos prolongamentos no fim das hastes das letras, podendo confundir usuários com baixa visão. Além disso, fontes muito enfeitadas, dificultam a leitura de pessoas com dificuldades de aprendizagem.

29 Criando documentos acessíveis no Word Exemplo de fontes sem serifa (mais limpas): Arial Calibri Trebuchet Verdana Exemplos de fontes serifadas (com prolongamento): Book Antiqua Cambria Courier New Times New Roman

30 Criando documentos acessíveis no Word DICA: para que seu texto fique mais claro e fácil de visualizar, evite: texto todo em maiúsculo; Texto em itálico; Fonte de letra cursiva (Lucida Handwriting, Monotype Corsiva)

31 Criando documentos acessíveis no Word 10. UBlize uma boa relação de contraste Procure criar um documento que tenha uma boa relação de contraste entre plano de fundo e fonte. Por que é importante uma boa relação de contraste? A percepção de pessoas com baixa visão ou com daltonismo pode ser bastante prejudicada por um contraste ruim.

32 Criando documentos acessíveis MICROSOFT POWERPOINT

33 Criando documentos acessíveis no PowerPoint Utilize sempre as opções de layout já disponíveis no Microsoft PowerPoint ao invés de inserir caixas de texto ou outros elementos em uma área ainda não definida. Por quê? Os recursos de Tecnologia Assistiva nem sempre conseguem interagir com o conteúdo textual inserido em uma caixa de texto. Além disso, a ordem de leitura do conteúdo pode não fazer sentido.

34 Criando documentos acessíveis no PowerPoint Ao inserir um novo slide, é possível escolher um dos layouts disponíveis. Se desejar trocar o layout do slide, basta clicar em layout e escolher outra opção.

35 Criando documentos acessíveis no PowerPoint Utilize os elementos apropriados para o propósito do seu conteúdo (título para o título principal, subtítulo para título secundário, parágrafo para texto, etc.). Por quê? Para que os leitores de tela interpretem um conteúdo como sendo o título, ele precisa ter sido inserido como título e não como texto simples. O mesmo ocorre para listas (numeradas ou não), subtítulos, parágrafos, etc.

36 Criando documentos acessíveis no PowerPoint Procure manter um bom tamanho de fonte em todo o documento, evitando colocar muito conteúdo em um único slide. Por quê? Usuários com baixa visão poderão não conseguir ampliar suficientemente um texto originalmente muito pequeno.

37 Criando documentos acessíveis no PowerPoint Dê preferência a fontes sem serifa (sans-serif), como Arial e Verdana. Por quê? Fontes serifadas dão a impressão de estarem unidas devido aos seus prolongamentos, podendo confundir usuários com baixa visão.

38 Criando documentos acessíveis no PowerPoint Selecione cores de fundo e de primeiro plano que sejam suficientemente contrastantes (bom contraste de cor e luminosidade). Por quê? Um bom contraste entre o fundo e o primeiro plano é essencial para usuários com baixa visão ou com daltonismo.

39 Criando documentos acessíveis no PowerPoint Limite o uso de animações. Evite utilizar GIFs animados sem necessidade. Por quê? Animações podem distrair ou confundir usuários que utilizam leitores de tela, pessoas com dificuldade de concentração, com algum grau de deficiência intelectual, entre outros.

40 Criando documentos acessíveis no PowerPoint Se houver necessidade de usar tabelas, evite utilizar linhas ou colunas mescladas. Por quê? Os leitores de tela realizam a leitura das tabelas de forma linearizada, ou seja, sem agrupamentos de linhas ou colunas.

41 Criando documentos acessíveis no PowerPoint Número do funcionário Nome Data de admissão Função 063 André da Silva 10/08/1999 Assistente de RH 064 Bruno Vargas 25/04/2001 Analista de Sistemas A tabela acima é lida pelo leitor de tela da seguinte forma: número do funcionário nome data de admissão função 063 André da Silva 10/08/1999 assistente de RH 064 Bruno Vargas 25/04/2001 analista de sistemas Ou seja, célula por célula, linearmente.

42 Criando documentos acessíveis no PowerPoint Ao inserir áudio ou vídeo, forneça também legendas ou uma transcrição textual do conteúdo. Além disso, é sempre desejável alternativa em Libras. Serviço para inserir legenda: Por quê? Usuários com deficiência auditiva necessitam de legendas, alternativa em texto ou Libras para terem acesso ao conteúdo em áudio. Pessoas com dificuldades de aprendizagem também se beneficiam de alternativa textual.

43 Criando documentos acessíveis no PowerPoint Forneça uma alternativa textual (texto Alt) para todas as imagens do documento. O texto Alt deve ser sucinto e objetivo, informando o conteúdo que quer ser passado através da imagem. Por quê? Imagens sem alternativa em texto são inacessíveis para usuários com deficiência visual.

44 Criando documentos acessíveis no PowerPoint No PowerPoint 2003: Opção Formatar; Imagem; aba Web (local onde deverá ser inserido o texto

45 Criando documentos acessíveis no PowerPoint No PowerPoint 2007: Botão direito na imagem; Tamanho e Posição; Aba Texto Alt

46 Criando documentos acessíveis no PowerPoint No PowerPoint 2010: Botão direito na imagem; Formatar Imagem; Texto Alt. Inserir o texto na opção Descrição.

47 Criando documentos acessíveis no PowerPoint Para gráficos, mapas, organogramas e outros figuras complexas, é necessária, muitas vezes, uma descrição mais detalhada, além do texto Alt. Nesse caso, é preciso fornecer a descrição detalhada no próprio slide ou em um slide posterior. Por quê? Os leitores de tela não têm como passar o conteúdo de uma imagem complexa para o usuário.

48 Criando documentos acessíveis no PowerPoint 25% Utilização de Antivírus 11% 64% Utiliza e atualiza com frequência Utiliza e não atualiza com frequência Não utiliza Descrição na caixa de texto Alt: gráfico de de Descrição no próprio slide ou em um slide posterior: O gráfico apresenta a porcentagem de usuários de sendo que 64% dos entrevistados o e atualizam com frequência, 25% mas não atualizam com frequência e 11% não

49 Criando documentos acessíveis no PowerPoint Por fim, certifique- se de que a ordem de tabulação está correta. (A ordem de tabulação representa a ordem em que os elementos recebem o foco ao se navegar utilizando o teclado). Por quê? Um usuário de leitor de tela navega utilizando o teclado. Se a ordem de tabulação não estiver correta, a leitura do slide não será realizada de forma coerente. O leitor poderá, por exemplo, ler o conteúdo antes do título, etc.

50 Criando documentos acessíveis no PowerPoint A opção para verificar a ordem de tabulação só está disponível a partir do PowerPoint Quando o slide estiver pronto, no item de menu Início, escolha Organizar > Painel de Seleção

51 Criando documentos acessíveis no PowerPoint No Painel de Seleção estão listados todos os elementos do slide em ordem inversa de tabulação, ou seja, o último elemento da lista é o primeiro a receber o foco (primeiro a ser lido pelo leitor de tela), o penúltimo elemento é o segundo e assim por diante. Quando selecionamos um elemento da lista, esse mesmo elemento aparecerá selecionado no slide.

52 Criando documentos acessíveis no PowerPoint Se percebermos que a ordem de tabulação não está correta, basta selecionarmos o elemento na lista e utilizarmos as setas para reordená- lo.

53 Criando documentos digitais acessíveis Ferramenta Accessibility Checker: novidade do Microsor Office Permite realizar uma avaliação de acessibilidade no documento. Ele irá apontar possíveis problemas de acessibilidade, como falta de níveis de Ftulo, falta de descrição nas imagens, entre outros. O caminho para acessar o Accessibility Checker, em qualquer um dos programas do Office é: Arquivo > Informações > Verificando Problemas > Verificar Acessibilidade

54 Criando documentos digitais acessíveis

55 Criando documentos acessíveis PDF

56 Criando um PDF acessível Documentos em PDF são cada vez mais populares, já que esse formato garante que a formatação do documento ficará intacta. Um documento em PDF pode conter diversos elementos, entre eles texto, imagens, links, tabelas, formulários, etc. Além destes elementos que formam o conteúdo, um arquivo em PDF pode conter também uma estrutura. Essa estrutura representa um conjunto de instruções que definem a lógica que engloba todos os elementos.

57 Criando um PDF acessível Para gerar um PDF estruturado, são tags ou marcações. Através destas marcações é possível fornecer a um documento em PDF: Ordem lógica de leitura; Texto para as imagens; Tabelas com estrutura correta (células de cabeçalho e células de dados); Campos de formulário acessíveis, entre outros. Ou seja, é através das tags ou marcações para definir a estrutura que criamos um documento em PDF acessível.

58 Criando um PDF acessível Existem duas maneiras de fazermos essa marcação: Criando um documento no Microsor Word, PowerPoint ou Excel, tomando- se os cuidados para a acessibilidade, e salvando- o em PDF (disponível a do Office 2007); Criando um documento acessível o editor de PDF da Adobe (Adode Acrobat).

59 Criando um PDF acessível Criando um documento no MS Office e salvando- o em PDF: No Microsor Office 2007: você precisará instalar um Add- in gratuito, o Microsor Save as PDF. O download deste Add- in pode ser feito através do link a seguir: hup://www.microsor.com/downloads/en/details.aspx? familyid=f1fc413c- 6d89-4f15-991b- 63b07ba5f2e5&displaylang=en O Office 2010 já vem por padrão com a opção para salvar em PDF.

60 Criando um PDF acessível Primeiramente, você deverá criar o seu documento no Word, PowerPoint ou Excel tomando- se todos os cuidados para que ele seja acessível. Quando seu documento finalizado, basta ir até a opção Salvar como e escolher o item PDF. A caixa a seguir será aberta:

61 Criando um PDF acessível Antes de clicar em Publicar para salvar seu documento em PDF, clique em Opções. Outra caixa irá será aberta, contendo várias opções. Uma delas é a opção Marcas estruturais do documento para acessibilidade, que deverá estar marcada, pois é ela que fará com que o seu documento PDF tenha uma estrutura. Quando finalizar, clique em OK e depois em Publicar. Pronto, você terá gerado um documento em PDF acessível.

62 Criando um PDF acessível Outra maneira de criar PDFs acessíveis é o próprio sorware editor da Adobe, o Adobe Acrobat. O Acrobat disponibiliza ferramentas para verificar e modificar a ordem de leitura, para inserir texto para editar os níveis de Ftulo, para acessibilizar tabelas e formulários, entre outras. Além disso, disponibiliza a opção Criar PDFs Acessíveis, que contém cinco passos a serem realizados para a acessibilidade do documento. No entanto, esse sorware é bastante caro (em torno de 540 dólares) e só existe a real necessidade de lo se seu documento for bastante complexo, como um formulário por exemplo.

63 Criando um PDF acessível Observação importante: Quando sorwares que geram um PDF a de dados enviados para a impressora, como é o caso do CutePDF e do PDFCreator, as marcações de acessibilidade não são preservadas. Assim, documentos PDF gerados desta maneira não serão acessíveis.

64 Obrigada! Contato:

Documentos Digitais Acessíveis. Bruna Salton Projeto de Acessibilidade Virtual Pró-Reitoria de Extensão

Documentos Digitais Acessíveis. Bruna Salton Projeto de Acessibilidade Virtual Pró-Reitoria de Extensão Documentos Digitais Acessíveis Bruna Salton Projeto de Acessibilidade Virtual Pró-Reitoria de Extensão Como as pessoas com deficiência utilizam o computador e a Web? Vídeo: Como as pessoas com deficiência

Leia mais

Guia de Início Rápido

Guia de Início Rápido Guia de Início Rápido O Microsoft Word 2013 parece diferente das versões anteriores, por isso criamos este guia para ajudar você a minimizar a curva de aprendizado. Barra de Ferramentas de Acesso Rápido

Leia mais

Barra de ferramentas padrão. Barra de formatação. Barra de desenho Painel de Tarefas

Barra de ferramentas padrão. Barra de formatação. Barra de desenho Painel de Tarefas Microsoft Power Point 2003 No Microsoft PowerPoint 2003, você cria sua apresentação usando apenas um arquivo, ele contém tudo o que você precisa uma estrutura para sua apresentação, os slides, o material

Leia mais

para alunos Deficientes Visuais

para alunos Deficientes Visuais Acessibilizando conteúdo e materiais para alunos Deficientes Visuais Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Rede Nacional de Pesquisa e Inovação em Tecnologias Digitais

Leia mais

ANDRÉ APARECIDO DA SILVA APOSTILA BÁSICA SOBRE O POWERPOINT 2007

ANDRÉ APARECIDO DA SILVA APOSTILA BÁSICA SOBRE O POWERPOINT 2007 ANDRÉ APARECIDO DA SILVA APOSTILA BÁSICA SOBRE O POWERPOINT 2007 CURITIBA 2015 2 SUMÁRIO INTRODUÇÃO AO MICROSOFT POWERPOINT 2007... 3 JANELA PRINCIPAL... 3 1 - BOTÃO OFFICE... 4 2 - FERRAMENTAS DE ACESSO

Leia mais

APOSTILA WORD BÁSICO

APOSTILA WORD BÁSICO APOSTILA WORD BÁSICO Apresentação O WORD é um editor de textos, que pertence ao Pacote Office da Microsoft. Suas principais características são: criação de textos, cartas, memorandos, documentos, mala

Leia mais

Aula 03 PowerPoint 2007

Aula 03 PowerPoint 2007 Aula 03 PowerPoint 2007 Professor: Bruno Gomes Disciplina: Informática Básica Curso: Gestão de Turismo Sumário da aula: 1. Abrindo o PowerPoint; 2. Conhecendo a Tela do PowerPoint; 3. Criando uma Nova

Leia mais

ALBUM DE FOTOGRAFIAS NO POWER POINT

ALBUM DE FOTOGRAFIAS NO POWER POINT ALBUM DE FOTOGRAFIAS NO POWER POINT O PowerPoint é uma poderosa ferramenta que faz parte do pacote Office da Microsoft. O principal uso desse programa é a criação de apresentação de slides, para mostrar

Leia mais

Adaptação de materiais digitais. Manuela Francisco manuela.amado@gmail.com

Adaptação de materiais digitais. Manuela Francisco manuela.amado@gmail.com Adaptação de materiais digitais Manuela Francisco manuela.amado@gmail.com Plano da sessão Tópicos Duração Documentos acessíveis: porquê e para quem. Diretrizes de acessibilidade Navegabilidade, legibilidade

Leia mais

COLÉGIO ESTADUAL PAULO LEMINSKI APOSTILA SOBRE O BROFFICE IMPRESS

COLÉGIO ESTADUAL PAULO LEMINSKI APOSTILA SOBRE O BROFFICE IMPRESS COLÉGIO ESTADUAL PAULO LEMINSKI APOSTILA SOBRE O BROFFICE IMPRESS CURITIBA 2014 2 Conteúdo Definição:... 2 Detalhando a tela:... 4 BARRA DE FERRAMENTAS DESENHO... 4 PREENCHIMENTOS... 5 RÉGUAS E GUIAS...

Leia mais

Roteiro 3: Apresentações eletrônicas (parte 1)

Roteiro 3: Apresentações eletrônicas (parte 1) Roteiro 3: Apresentações eletrônicas (parte 1) Objetivos Criar apresentações eletrônicas com uso do software libreoffice; Exportar arquivos em formato pdf; Compreender conceitos sobre imagens digitais;

Leia mais

Microsoft Office PowerPoint 2007

Microsoft Office PowerPoint 2007 INTRODUÇÃO AO MICROSOFT POWERPOINT 2007 O Microsoft Office PowerPoint 2007 é um programa destinado à criação de apresentação através de Slides. A apresentação é um conjunto de Sides que são exibidos em

Leia mais

Dicas para usar melhor o Word 2007

Dicas para usar melhor o Word 2007 Dicas para usar melhor o Word 2007 Quem está acostumado (ou não) a trabalhar com o Word, não costuma ter todo o tempo do mundo disponível para descobrir as funcionalidades de versões recentemente lançadas.

Leia mais

POWERPOINT BÁSICO. Facilitador Alisson Cleiton dos Santos Analista Programador / Professor contato@alissoncleiton.com.br

POWERPOINT BÁSICO. Facilitador Alisson Cleiton dos Santos Analista Programador / Professor contato@alissoncleiton.com.br POWERPOINT BÁSICO Facilitador Alisson Cleiton dos Santos Analista Programador / Professor contato@alissoncleiton.com.br POWER POINT INICIANDO O POWERPOINT 2000 Para iniciar o PowerPoint 2000. A partir

Leia mais

MICROSOFT WORD 2007. George Gomes Cabral

MICROSOFT WORD 2007. George Gomes Cabral MICROSOFT WORD 2007 George Gomes Cabral AMBIENTE DE TRABALHO 1. Barra de título 2. Aba (agrupa as antigas barras de menus e barra de ferramentas) 3. Botão do Office 4. Botão salvar 5. Botão de acesso à

Leia mais

UFPel Departamento de Informática. Tutorial Google Docs. Profa. Lisane Brisolara de Brisolara

UFPel Departamento de Informática. Tutorial Google Docs. Profa. Lisane Brisolara de Brisolara UFPel Departamento de Informática Tutorial Google Docs Profa. Lisane Brisolara de Brisolara Sumário O que é o Google Docs Seus principais recursos Editor de textos/documentos Editor de planilhas eletrônicas

Leia mais

Como criar uma avaliação?

Como criar uma avaliação? EDITOR DE AVALIAÇÕES Com o editor, você cria avaliações para seus alunos com uma grande variedade de opções. Por exemplo: - A avaliação pode ser impressa ou aplicada de forma on-line. - Os alunos podem

Leia mais

Word 1 - Introdução 1.1 - Principais recursos do word 1.2 - A janela de documento 1.3 - Tela principal

Word 1 - Introdução 1.1 - Principais recursos do word 1.2 - A janela de documento 1.3 - Tela principal Word 1 - Introdução O Word para Windows ou NT, é um processador de textos cuja finalidade é a de nos ajudar a trabalhar de maneira mais eficiente tanto na elaboração de documentos simples, quanto naqueles

Leia mais

Mozart de Melo Alves Júnior

Mozart de Melo Alves Júnior Mozart de Melo Alves Júnior WORD 2000 INTRODUÇÃO: O Word é um processador de texto com recursos de acentuação, formatação de parágrafo, estilo de letras diferentes, criação de tabelas, corretor ortográfico,

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO EM MATEMÁTICA COMPUTACIONAL INFORMÁTICA INSTRUMENTAL

PÓS-GRADUAÇÃO EM MATEMÁTICA COMPUTACIONAL INFORMÁTICA INSTRUMENTAL PÓS-GRADUAÇÃO EM MATEMÁTICA COMPUTACIONAL INFORMÁTICA INSTRUMENTAL Introdução Aula 03: Pacote Microsoft Office 2007 O Pacote Microsoft Office é um conjunto de aplicativos composto, principalmente, pelos

Leia mais

Aula 04 Word. Prof. Bruno Gomes bruno.gomes@ifrn.edu.br http://www.profbrunogomes.com.br/

Aula 04 Word. Prof. Bruno Gomes bruno.gomes@ifrn.edu.br http://www.profbrunogomes.com.br/ Aula 04 Word Prof. Bruno Gomes bruno.gomes@ifrn.edu.br http://www.profbrunogomes.com.br/ Agenda da Aula Editor de Texto - Word Microsoft Office Conjunto de aplicativos para escritório que contém programas

Leia mais

VPAT (Voluntary Product Accessibility Template, Modelo de Acessibilidade de Produto) do eportfolio da Desire2Learn Maio de 2013 Conteúdo

VPAT (Voluntary Product Accessibility Template, Modelo de Acessibilidade de Produto) do eportfolio da Desire2Learn Maio de 2013 Conteúdo VPAT (Voluntary Product Accessibility Template, Modelo de Acessibilidade de Produto) do eportfolio da Desire2Learn Maio de 2013 Conteúdo Introdução Recursos de acessibilidade principais Navegação usando

Leia mais

Microsoft Power Point 2007

Microsoft Power Point 2007 Microsoft Power Point 2007 Sumário Layout e Design 4 Formatação de Textos 8 Salvando um arquivo do PowerPoint 15 Plano de Fundo 16 Marcadores 18 Réguas e grade 19 Tabelas 20 Gráficos 21 Imagens 22 Smart

Leia mais

MANUAL COTAÇAO WEB MANUAL MANUAL AVANÇO INFORMÁTICA AVANÇO INFORMÁTICA. [Digite seu endereço] [Digite seu telefone] [Digite seu endereço de email]

MANUAL COTAÇAO WEB MANUAL MANUAL AVANÇO INFORMÁTICA AVANÇO INFORMÁTICA. [Digite seu endereço] [Digite seu telefone] [Digite seu endereço de email] MANUAL COTAÇAO WEB [Digite seu endereço] [Digite seu telefone] [Digite seu endereço de email] MANUAL MANUAL AVANÇO INFORMÁTICA AVANÇO INFORMÁTICA Material Desenvolvido para a Célula Materiais Autor: Equipe

Leia mais

Aula 5 Microsoft PowerPoint 2003: Criando uma Apresentação

Aula 5 Microsoft PowerPoint 2003: Criando uma Apresentação Universidade de São Paulo/Faculdade de Saúde Pública Curso de Saúde Pública Disciplina: HEP 147 - Informática Aula 5 Microsoft PowerPoint 2003: Criando uma Apresentação 1 Introdução ao Microsoft PowerPoint

Leia mais

Iniciando o Word 2010. Criar um novo documento. Salvando um Documento. Microsoft Office Word

Iniciando o Word 2010. Criar um novo documento. Salvando um Documento. Microsoft Office Word 1 Iniciando o Word 2010 O Word é um editor de texto que utilizado para criar, formatar e imprimir texto utilizado para criar, formatar e imprimir textos. Devido a grande quantidade de recursos disponíveis

Leia mais

Escola Info Jardins. Microsoft Excel Aula 1

Escola Info Jardins. Microsoft Excel Aula 1 Microsoft Excel Aula 1 O que é o Microsoft Excel? Excel é um programa de planilhas do sistema Microsoft Office. Você pode usar o Excel para criar e formatar pastas de trabalho (um conjunto de planilhas).

Leia mais

Turma. PowerPoint 2003

Turma. PowerPoint 2003 PowerPoint 2003 Apresentação O Power Point é um aplicativo do Microsoft Office direcionado à criação de apresentações. Com ele você poderá criar rapidamente slides com esquemas, textos animados, sons e

Leia mais

Continuação. 32. Inserir uma imagem da GALERIA CLIP-ART

Continuação. 32. Inserir uma imagem da GALERIA CLIP-ART Continuação 32. Inserir uma imagem da GALERIA CLIP-ART a) Vá para o primeiro slide da apresentação salva no item 31. b) Na guia PÁGINA INICIAL, clique no botão LAYOUT e selecione (clique) na opção TÍTULO

Leia mais

Agente Administrativo do MTE

Agente Administrativo do MTE PowerPoint 2003 Apresentação O Power Point é um aplicativo do Microsoft Office direcionado à criação de apresentações. Com ele você poderá criar rapidamente slides com esquemas, textos animados, sons e

Leia mais

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA Criação de Formulários no Google Drive Sumário (Clique sobre a opção desejada para ir direto à página correspondente) Criação de Formulários no Google Drive Introdução...

Leia mais

NTI Núcleo de Tecnologia de Informação / UNIFAL-MG Drupal Manual do Usuário DRUPAL MANUAL DO USUÁRIO

NTI Núcleo de Tecnologia de Informação / UNIFAL-MG Drupal Manual do Usuário DRUPAL MANUAL DO USUÁRIO DRUPAL MANUAL DO USUÁRIO Primeiros passos para inserir conteúdo no site. 1. Logar-se no site através de seu usuário e senha. 2. Criar um novo menu. 3. Ativar o menu criado, colocando-o em alguma região

Leia mais

Introdução. Como adquirir o FrontPage?

Introdução. Como adquirir o FrontPage? Introdução O software FrontPage é muito utilizado para a criação, gerenciamento e publicação de páginas (sites) na Internet. Sendo um produto da Microsoft Corporation, ele apresenta uma interface bastante

Leia mais

Universidade Federal de Santa Maria UFSM Centro de Tecnologia CT. Power Point. Básico

Universidade Federal de Santa Maria UFSM Centro de Tecnologia CT. Power Point. Básico Universidade Federal de Santa Maria UFSM Centro de Tecnologia CT Power Point Básico Santa Maria, julho de 2006 O Power Point é um aplicativo do Microsoft Office direcionado à criação de apresentações.

Leia mais

Criando um modelo de documento segundo a norma ABNT. Luiz Carlos Caramez Informá2ca Faculdade Paulus de Tecnologia e Comunicação

Criando um modelo de documento segundo a norma ABNT. Luiz Carlos Caramez Informá2ca Faculdade Paulus de Tecnologia e Comunicação Criando um modelo de documento segundo a norma ABNT Luiz Carlos Caramez Informá2ca Faculdade Paulus de Tecnologia e Comunicação Sobre estes slides Eles devem servir como uma guia de elaboração de documentos

Leia mais

ÍNDICE... 2 INTRODUÇÃO... 3. A série... 3

ÍNDICE... 2 INTRODUÇÃO... 3. A série... 3 WORD 2007 E 2010 ÍNDICE ÍNDICE... 2 INTRODUÇÃO... 3 A série... 3 01 CAPTURAS DE TELA WORD 2010... 3 02 IMAGENS 2007/2010... 5 03 NOTAS DE RODAPÉ... 13 04 NUMERAÇÃO DE PÁGINAS... 15 05 CONTAR PALAVRAS...

Leia mais

SIEP / RENAPI. Dicas HTML e CSS para Desenvolvimento. de um Site/Portal Acessível

SIEP / RENAPI. Dicas HTML e CSS para Desenvolvimento. de um Site/Portal Acessível SIEP / RENAPI Dicas HTML e CSS para Desenvolvimento de um Site/Portal Acessível Setembro de 2009 Dicas HTML e CSS para Desenvolvimento de um Site/Portal Acessível Cuidados em geral Separar adequadamente

Leia mais

Curso LibreOffice - Apostila de Exercícios

Curso LibreOffice - Apostila de Exercícios Exercício 1 1. Crie um novo documento e digite: Testando 2. Salve-o em algum local de fácil acesso e que seja de sua preferência com o nome Doc1. 3. Acrescente o texto Salvar Como ao final do texto escrito

Leia mais

Google Docs EDITOR DE TEXTOS

Google Docs EDITOR DE TEXTOS Google Docs Um destes serviços oferecidos é o Google Docs, uma espécie de suíte de aplicativos online, bastante semelhante ao Microsoft Office e ao OpenOffice.org/BrOffice.org. O serviço da Google possui

Leia mais

Apostila de PowerPoint 2013

Apostila de PowerPoint 2013 Iniciando o Power Point 2013...01 Nova apresentação baseada no modelo...01 Escolhendo o esquema de cores do fundo do slide manualmente...02 Modificando o layout do slide... 03 Inserindo textos no slide...

Leia mais

Vinte dicas para o Word 2007

Vinte dicas para o Word 2007 Vinte dicas para o Word 2007 Introdução O Microsoft Word é um dos editores de textos mais utilizados do mundo. Trata-se de uma ferramenta repleta de recursos e funcionalidades, o que a torna apta à elaboração

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE CIÊNCIAS EXATAS E NATURAIS ESPECIALIZAÇÃO EM ESTATÍSTICAS EDUCACIONAIS. Prof. M.Sc.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE CIÊNCIAS EXATAS E NATURAIS ESPECIALIZAÇÃO EM ESTATÍSTICAS EDUCACIONAIS. Prof. M.Sc. UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE CIÊNCIAS EXATAS E NATURAIS ESPECIALIZAÇÃO EM ESTATÍSTICAS EDUCACIONAIS Microsoft Office PowerPoint 2007 Prof. M.Sc. Fábio Hipólito Julho / 2009 Visite o site:

Leia mais

OFICINA BLOG DAS ESCOLAS

OFICINA BLOG DAS ESCOLAS OFICINA BLOG DAS ESCOLAS Créditos: Márcio Corrente Gonçalves Mônica Norris Ribeiro Março 2010 1 ACESSANDO O BLOG Blog das Escolas MANUAL DO ADMINISTRADOR Para acessar o blog da sua escola, acesse o endereço

Leia mais

FEMA Fundação Educacional Machado de Assis INFORMÁTICA Técnico em Segurança do Trabalho P OW ERPOI NT. Escola Técnica Machado de Assis Imprensa

FEMA Fundação Educacional Machado de Assis INFORMÁTICA Técnico em Segurança do Trabalho P OW ERPOI NT. Escola Técnica Machado de Assis Imprensa P OW ERPOI NT 1 INTRODUÇÃO... 3 1. Iniciando o PowerPoint... 3 2. Assistente de AutoConteúdo... 4 3. Modelo... 5 4. Iniciar uma apresentação em branco... 6 5. Modo de Exibição... 6 6. Slide Mestre... 7

Leia mais

Microsoft PowerPoint 2003

Microsoft PowerPoint 2003 Página 1 de 36 Índice Conteúdo Nº de página Introdução 3 Área de Trabalho 5 Criando uma nova apresentação 7 Guardar Apresentação 8 Inserir Diapositivos 10 Fechar Apresentação 12 Abrindo Documentos 13 Configurar

Leia mais

Microsoft Office Outlook Web Access ABYARAIMOVEIS.COM.BR

Microsoft Office Outlook Web Access ABYARAIMOVEIS.COM.BR Microsoft Office Outlook Web Access ABYARAIMOVEIS.COM.BR 1 Índice: 01- Acesso ao WEBMAIL 02- Enviar uma mensagem 03- Anexar um arquivo em uma mensagem 04- Ler/Abrir uma mensagem 05- Responder uma mensagem

Leia mais

INTRODUÇÃO INICIANDO O WORD INSERIR TEXTO

INTRODUÇÃO INICIANDO O WORD INSERIR TEXTO SUMÁRIO 01 - INTRODUÇÃO 02 - INICIANDO O WORD 03 - INSERIR TEXTO 04 - SALVAR UM DOCUMENTO 05 - FECHAR UM DOCUMENTO 06 - INICIAR UM NOVO DOCUMENTO 07 - ABRIR UM DOCUMENTO 08 - SELECIONAR TEXTO 09 - RECORTAR,

Leia mais

V.1.0 SIAPAS. Sistema Integrado de Administração ao Plano de Assistência à Saúde. Contas Médicas

V.1.0 SIAPAS. Sistema Integrado de Administração ao Plano de Assistência à Saúde. Contas Médicas 2014 V.1.0 SIAPAS Sistema Integrado de Administração ao Plano de Assistência à Saúde Contas Médicas SIAPAS Sistema Integrado de Administração ao Plano de Assistência à Saúde Módulos CONTAS MÉDICAS Capa

Leia mais

Aula: BrOffice Impress primeira parte

Aula: BrOffice Impress primeira parte Aula: BrOffice Impress primeira parte Objetivos Conhecer as características de um software de apresentação; Saber criar uma apresentação rápida com os recursos de imagem e texto; Saber salvar a apresentação;

Leia mais

Microsoft Word INTRODUÇÃO

Microsoft Word INTRODUÇÃO INTRODUÇÃO O Word é uma ferramenta utilizada para o processamento e editoração eletrônica de textos. O processamento de textos consiste na possibilidade de executar e criar efeitos sobre um texto qualquer,

Leia mais

MANUAL DO NVDA Novembro de 2013

MANUAL DO NVDA Novembro de 2013 MANUAL DO NVDA Novembro de 2013 PROJETO DE ACESSIBILIDADE VIRTUAL Núcleo IFRS Manual do NVDA Sumário O que são leitores de Tela?... 3 O NVDA - Non Visual Desktop Access... 3 Procedimentos para Download

Leia mais

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA Compartilhamento de Arquivos no Google Drive Sumário (Clique sobre a opção desejada para ir direto à página correspondente) Utilização do Google Grupos Introdução...

Leia mais

Montar planilhas de uma forma organizada e clara.

Montar planilhas de uma forma organizada e clara. 1 Treinamento do Office 2007 EXCEL Objetivos Após concluir este curso você poderá: Montar planilhas de uma forma organizada e clara. Layout da planilha Inserir gráficos Realizar operações matemáticas 2

Leia mais

Planilha Eletrônica. = Usado para iniciar fórmulas e funções. @ Somente no MS Excel permite iniciar funções. ^ Usado para expoente e raiz

Planilha Eletrônica. = Usado para iniciar fórmulas e funções. @ Somente no MS Excel permite iniciar funções. ^ Usado para expoente e raiz Planilha Eletrônica Planilha eletrônica é uma folha organizada em tabela na qual é realizado cálculos matemáticos, podendo ser simples ou complexos. A planilha eletrônica do Microsoft Office 2003 é um

Leia mais

Como Gerar documento em PDF com várias Imagens

Como Gerar documento em PDF com várias Imagens Como Gerar documento em PDF com várias Imagens Para Gerar documento em PDF com várias Imagens, temos que seguir dois passos: 1. Inserir Imagens no Word 2. Gerar PDF a partir de documento do Word 1- Inserir

Leia mais

Barra de Títulos. Barra de Menu. Barra de Ferramentas. Barra de Formatação. Painel de Tarefas. Seleção de Modo. Área de Trabalho.

Barra de Títulos. Barra de Menu. Barra de Ferramentas. Barra de Formatação. Painel de Tarefas. Seleção de Modo. Área de Trabalho. Conceitos básicos e modos de utilização das ferramentas, aplicativos e procedimentos do Sistema Operacional Windows XP; Classificação de softwares; Principais operações no Windows Explorer: criação e organização

Leia mais

Sumário INTRODUÇÃO... 3. 1. Acesso ao Ambiente do Aluno... 4. 2. Ferramentas e Configurações... 5. 2.1 Ver Perfil... 5. 2.2 Modificar Perfil...

Sumário INTRODUÇÃO... 3. 1. Acesso ao Ambiente do Aluno... 4. 2. Ferramentas e Configurações... 5. 2.1 Ver Perfil... 5. 2.2 Modificar Perfil... Sumário INTRODUÇÃO... 3 1. Acesso ao Ambiente do Aluno... 4 2. Ferramentas e Configurações... 5 2.1 Ver Perfil... 5 2.2 Modificar Perfil... 6 2.3 Alterar Senha... 11 2.4 Mensagens... 11 2.4.1 Mandando

Leia mais

Roteiro 7: Ferramentas de trabalho Editores de texto

Roteiro 7: Ferramentas de trabalho Editores de texto Roteiro 7: Ferramentas de trabalho Editores de texto Objetivos Detalhar conceitos sobre ferramentas de edição de texto; Explorar recursos do libreoffice writer; Explorar recursos do Microsoft Word; Explorar

Leia mais

TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E

TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E Unidade III TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO EM EDUCAÇÃO Prof. Me. Eduardo Fernando Mendes Google: um mundo de oportunidades Os conteúdos abordados neste modulo são: Google: Um mundo de oportunidades;

Leia mais

Lidar com números e estatísticas não é fácil. Reunir esses números numa apresentação pode ser ainda mais complicado.

Lidar com números e estatísticas não é fácil. Reunir esses números numa apresentação pode ser ainda mais complicado. , ()! $ Lidar com números e estatísticas não é fácil. Reunir esses números numa apresentação pode ser ainda mais complicado. Uma estratégia muito utilizada para organizar visualmente informações numéricas

Leia mais

CRIANDO TEMPLATES E LEGENDAS

CRIANDO TEMPLATES E LEGENDAS CRIANDO TEMPLATES E LEGENDAS Este tutorial tem como objetivo instruir passo à passo como criar templates de peças, utilizar os novos recursos de cadastro de propriedade de peças e criação de legenda. 1-

Leia mais

W o r d p r e s s 1- TELA DE LOGIN

W o r d p r e s s 1- TELA DE LOGIN S U M Á R I O 1Tela de Login...2 2 Painel......3 3 Post...4 4 Ferramentas de Post...10 5 Páginas...14 6 Ferramentas de páginas...21 7 Mídias...25 8 Links......30 1 1- TELA DE LOGIN Para ter acesso ao wordpress

Leia mais

Manual do site do Comitê do Itajaí: como inserir e atualizar

Manual do site do Comitê do Itajaí: como inserir e atualizar Manual do site do Comitê do Itajaí: como inserir e atualizar conteúdo autor: Fábio Roberto Teodoro 25 de março de 2010 Sumário 1 Definições 3 2 Interface Administrativa 4 3 Conteúdo 6 3.1 Notícias............................................

Leia mais

Índice. Manual de uso do Wordpress Produção de conteúdo. 1) Acesso ao Painel de Controle. 2) Ambientação na Ferramenta. 3) Inserir novo Post

Índice. Manual de uso do Wordpress Produção de conteúdo. 1) Acesso ao Painel de Controle. 2) Ambientação na Ferramenta. 3) Inserir novo Post Índice 1) Acesso ao Painel de Controle 2) Ambientação na Ferramenta 2.1) Posts 2.1.1) Adicionar novo post 2.1.2) Editar posts 2.2) Mídia 2.2.1) Tipos de Mídia 2.2.2) Biblioteca 2.2.3) Adicionar novo 3)

Leia mais

Apostila de CmapTools 3.4

Apostila de CmapTools 3.4 Apostila de CmapTools 3.4 Índice Definição do software... 3 Criando um novo mapa... 3 Adicionando um conceito... 3 Alterando a formatação das caixas (Barra de Ferramentas Estilos Paleta Styles)... 7 Guia

Leia mais

Resumão Writer ( Broffice.org)

Resumão Writer ( Broffice.org) Resumão Writer ( Broffice.org) Resumo BrOffice.org Cespe O Broffice.org é um pacote de programas para escritório, do mesmo nível do pacote Microsoft Office. Os dois pacotes trazem programas parecidos e

Leia mais

POWER POINT. Professor: Leandro Crescencio E-mail: leandromc@inf.ufsm.br. http://www.inf.ufsm.br/~leandromc. Colégio Politécnico 1

POWER POINT. Professor: Leandro Crescencio E-mail: leandromc@inf.ufsm.br. http://www.inf.ufsm.br/~leandromc. Colégio Politécnico 1 POWER POINT Professor: Leandro Crescencio E-mail: leandromc@inf.ufsm.br http://www.inf.ufsm.br/~leandromc Colégio Politécnico 1 Power Point Introdução Iniciando Estrutura de Janelas ( Barra de títulos,

Leia mais

Guia Prático de Acesso

Guia Prático de Acesso Guia Prático de Acesso 1. Como acessar o novo e-volution? O acesso ao novo e-volution é feito através do endereço novo.evolution.com.br. Identifique abaixo as possíveis formas de acesso: 1.1 Se você já

Leia mais

AULA: BrOffice Impress terceira parte. Ao final dessa aula, você deverá ser capaz de:

AULA: BrOffice Impress terceira parte. Ao final dessa aula, você deverá ser capaz de: AULA: BrOffice Impress terceira parte Objetivo Ao final dessa aula, você deverá ser capaz de: Conhecer a integração dos softwares do BrOffice; Aprender a trabalhar no slide mestre; Utilizar interação entre

Leia mais

Manual da Petição Eletrônica Intercorrente

Manual da Petição Eletrônica Intercorrente TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DGTEC Diretoria Geral de Tecnologia da Informação DEATE Departamento de Suporte e Atendimento Manual da Petição Eletrônica Intercorrente TRIBUNAL DE JUSTIÇA

Leia mais

Introdução ao BrOffice.org Writer 2.0

Introdução ao BrOffice.org Writer 2.0 Introdução ao BrOffice.org Writer 2.0 Matheus Santana Lima 18 de Julho de 2006 SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO 2. INSERIR TEXTO 3. SALVAR UM DOCUMENTO 4. FECHAR UM DOCUMENTO 5. INICIAR UM NOVO DOCUMENTO 6. ABRIR

Leia mais

Bem- Vindo ao manual de instruções do ECO Editor de COnteúdo.

Bem- Vindo ao manual de instruções do ECO Editor de COnteúdo. Manual de Instruções ECO Editor de Conteúdo Bem- Vindo ao manual de instruções do ECO Editor de COnteúdo. O ECO é um sistema amigável e intui?vo, mas abaixo você pode?rar eventuais dúvidas e aproveitar

Leia mais

Caro (a) Aluno (a), Sumário

Caro (a) Aluno (a), Sumário 1.Tutorial do Ambiente Virtual EAD Caro (a) Aluno (a), Este tutorial tem o intuito de apresentar as orientações necessárias ao acesso deste Portal. O objetivo é prevenir possíveis dificuldades no uso do

Leia mais

Como incluir artigos:

Como incluir artigos: Como incluir artigos: O WordPress é uma ferramenta muito flexível, com muitas variações e ajustes que podem torná-lo algo muito simples e também muito sofisticado conforme os recursos que são configurados

Leia mais

Material didático Projeto Web Prof. Carlos 1 PROJETO WEB

Material didático Projeto Web Prof. Carlos 1 PROJETO WEB Material didático Projeto Web Prof. Carlos 1 PROJETO WEB Em dupla: (se sobrar um aluno poderemos ter apenas um trio). Construir um site de 10 páginas, no mínimo, sendo a primeira o INDEX; O site deverá

Leia mais

Clique no menu Iniciar > Todos os Programas> Microsoft Office > Publisher 2010.

Clique no menu Iniciar > Todos os Programas> Microsoft Office > Publisher 2010. 1 Publisher 2010 O Publisher 2010 é uma versão atualizada para o desenvolvimento e manipulação de publicações. Juntamente com ele você irá criar desde cartões de convite, de mensagens, cartazes e calendários.

Leia mais

ROBERTO OLIVEIRA CUNHA

ROBERTO OLIVEIRA CUNHA LEIAME Apresentação Nenhuma informação do TUTORIAL DO MICRO- SOFT OFFICE POWER POINT 2003 poderá ser copiada, movida ou modificada sem autorização prévia e escrita do Programador Roberto Oliveira Cunha.

Leia mais

Guia do usuário do PrintMe Mobile 3.0

Guia do usuário do PrintMe Mobile 3.0 Guia do usuário do PrintMe Mobile 3.0 Visão geral do conteúdo Sobre o PrintMe Mobile Requisitos do sistema Impressão Solução de problemas Sobre o PrintMe Mobile O PrintMe Mobile é uma solução empresarial

Leia mais

Introdução Microsoft PowerPoint 2013 apresentações Office PowerPoint 2013 Microsoft PowerPoint 2013 textos planilhas Excel Word

Introdução Microsoft PowerPoint 2013 apresentações Office PowerPoint 2013 Microsoft PowerPoint 2013 textos planilhas Excel Word PowerPoint 2013 Sumário Introdução... 1 Iniciando o PowerPoint 2013... 2 Criando Nova Apresentação... 10 Inserindo Novo Slide... 13 Formatando Slides... 15 Inserindo Imagem e Clip-art... 16 Inserindo Formas...

Leia mais

FCT Faculdade de Ciências e Tecnologia Serviço Técnico de Informática STI SGCD Sistema Gerenciador de Conteúdos Dinâmicos

FCT Faculdade de Ciências e Tecnologia Serviço Técnico de Informática STI SGCD Sistema Gerenciador de Conteúdos Dinâmicos FCT Faculdade de Ciências e Tecnologia Serviço Técnico de Informática STI SGCD Sistema Gerenciador de Conteúdos Dinâmicos Manual do Usuário Presidente Prudente, outubro de 2010 Índice 1. Introdução e Instruções

Leia mais

Tutorial Gerar arquivo PDF. Gerando um documento pdf com várias imagens 1- Inserir imagem no Word

Tutorial Gerar arquivo PDF. Gerando um documento pdf com várias imagens 1- Inserir imagem no Word Tutorial Gerar arquivo PDF. Com o objetivo de simplificar e diminuir o tamanho de arquivos anexos nos projetos, elaboramos um pequeno tutorial mostrando como gerar um único arquivo no formato pdf contendo

Leia mais

Autor: Cícero Carlos Barbosa Silva

Autor: Cícero Carlos Barbosa Silva 1 Power Point 2003 Autor: Cícero Carlos Barbosa Silva 2 3 SUMÁRIO O editor de apresentações Power Point... 41 Criando o primeiro slide... 41 Salvando a apresentação com senha de proteção... 42 Criando

Leia mais

Adapti - Technology Solutions www.adapti.net Leonor cardoso nº 331 Fone : (041) 8844-7805 81240-380 Curitiba - PR MANUAL DO USUÁRIO

Adapti - Technology Solutions www.adapti.net Leonor cardoso nº 331 Fone : (041) 8844-7805 81240-380 Curitiba - PR MANUAL DO USUÁRIO MANUAL DO USUÁRIO 1 Índice Administração de Documentos...2 Lista de documentos criados...3 Criando um novo documento...3 Barra de ferramentas do editor...4 Editando um documento...7 Administrando suas

Leia mais

Como criar e editar Blogs. Manual Básico do. Mario Roberto Barro Jerino Queiroz Ferreira Profª Drª Salete Linhares Queiroz

Como criar e editar Blogs. Manual Básico do. Mario Roberto Barro Jerino Queiroz Ferreira Profª Drª Salete Linhares Queiroz Como criar e editar Blogs Manual Básico do Mario Roberto Barro Jerino Queiroz Ferreira Profª Drª Salete Linhares Queiroz São Carlos Setembro / 2008 Sumário Introdução...3 Criando um Blog no Edublogs...4

Leia mais

FOXIT READER 6.0 Guia Rápido. Sumário... II Use o Foxit Reader 6.0... 1. Leitura... 5. Trabalhar em PDFs... 8. Comentários... 10. Formulários...

FOXIT READER 6.0 Guia Rápido. Sumário... II Use o Foxit Reader 6.0... 1. Leitura... 5. Trabalhar em PDFs... 8. Comentários... 10. Formulários... Sumário Sumário... II Use o Foxit Reader 6.0... 1 Instalar e desinstalar... 1 Abrir, Criar, Fechar, Salvar e Sair... 1 Definir o estilo da interface e da aparência... 4 Veja todas as diferentes ferramentas...

Leia mais

PROJETO DE ACESSIBILIDADE VIRTUAL DO IFRS Manual Rápido do NVDA. Sumário

PROJETO DE ACESSIBILIDADE VIRTUAL DO IFRS Manual Rápido do NVDA. Sumário PROJETO DE ACESSIBILIDADE VIRTUAL DO IFRS Manual Rápido do NVDA Sumário O que são leitores de Tela?... 1 O NVDA - Non Visual Desktop Access... 1 Procedimentos para Download e Instalação do NVDA... 2 Iniciando

Leia mais

Como Criar uma Aula? Na página inicial do Portal do Professor, acesse ESPAÇO DA AULA: Ao entrar no ESPAÇO DA AULA, clique no ícone Criar Aula :

Como Criar uma Aula? Na página inicial do Portal do Professor, acesse ESPAÇO DA AULA: Ao entrar no ESPAÇO DA AULA, clique no ícone Criar Aula : Como Criar uma Aula? Para criar uma sugestão de aula é necessário que você já tenha se cadastrado no Portal do Professor. Para se cadastrar clique em Inscreva-se, localizado na primeira página do Portal.

Leia mais

Guia de Início Rápido

Guia de Início Rápido Guia de Início Rápido Microsoft PowerPoint 2013 apresenta uma aparência diferente das versões anteriores; desse modo, criamos este guia para ajudá-lo a minimizar a curva de aprendizado. Encontre o que

Leia mais

SSE 3.0. Guia Rápido. Módulo Secretaria. Nesta Edição

SSE 3.0. Guia Rápido. Módulo Secretaria. Nesta Edição SSE 3.0 Guia Rápido Módulo Secretaria Nesta Edição 1 Acessando o Módulo Secretaria 2 Cadastros Auxiliares 3 Criação de Modelos Definindo o Layout do Modelo Alterando o Layout do Cabeçalho 4 Parametrização

Leia mais

Guia de Início Rápido

Guia de Início Rápido Guia de Início Rápido O Microsoft PowerPoint 2013 parece diferente das versões anteriores, por isso criamos este guia para ajudar você a minimizar a curva de aprendizado. Encontre o que você precisa Clique

Leia mais

O que é o Microsoft Office?

O que é o Microsoft Office? Aula 1 O que é o Microsoft Office? O Microsoft Office é um pacote de programas para escritório que faz parte de um único DVD. Você aprenderá neste curso a trabalhar com os programas mais famosos do pacote

Leia mais

ALUNES MANUAL DO USUÁRIO. Guia rápido Alunes

ALUNES MANUAL DO USUÁRIO. Guia rápido Alunes ALUNES MANUAL DO USUÁRIO Guia rápido Alunes 1 Manual de Instruções Versão 2.0 Alunes Informática 2 Sumário Introdução... 5 Pré-requisitos... 5 Principal/Home... 6 Como editar texto do home... 7 Desvendando

Leia mais

Apresentação. Estamos à disposição para quaisquer dúvidas e sugestões! Atenciosamente, Equipe do Portal UNESC

Apresentação. Estamos à disposição para quaisquer dúvidas e sugestões! Atenciosamente, Equipe do Portal UNESC Sumário Apresentação... 1 1. Orientações Iniciais... 2 2. Materiais de Apoio... 4 3. Fóruns... 7 4. Entregas de Trabalho... 13 5. Escolhas... 16 6. Salas de Bate-papo... 18 7. Como criar/alterar a senha

Leia mais

GerNFe 1.0 Sistema de Gerenciador de Notas Fiscais Eletrônicas

GerNFe 1.0 Sistema de Gerenciador de Notas Fiscais Eletrônicas GerNFe 1.0 Manual do usuário Página 1/13 GerNFe 1.0 Sistema de Gerenciador de Notas Fiscais Eletrônicas O programa GerNFe 1.0 tem como objetivo armazenar em local seguro e de maneira prática para pesquisa,

Leia mais

Manual da AGENDA GRACES 2011

Manual da AGENDA GRACES 2011 1 Agenda Graces Manual da AGENDA GRACES 2011 O Sistema Agenda Graces integrada ao Sistema Graces e Agenda Graces Grátis foi desenvolvido pela empresa Quorum Informática. Este Manual tem por objetivo atender

Leia mais

AULA 3: BrOffice Writer Numeração de páginas e outros comandos. Ao final dessa aula, você deverá ser capaz de:

AULA 3: BrOffice Writer Numeração de páginas e outros comandos. Ao final dessa aula, você deverá ser capaz de: AULA 3: BrOffice Writer Numeração de páginas e outros comandos Objetivo Ao final dessa aula, você deverá ser capaz de: Conhecer o controle de exibição do documento; Fazer a correção ortográfica do documento

Leia mais

CONSTRUÇÃO DE BLOG COM O BLOGGER

CONSTRUÇÃO DE BLOG COM O BLOGGER CONSTRUÇÃO DE BLOG COM O BLOGGER Blog é uma abreviação de weblog, qualquer registro frequênte de informações pode ser considerado um blog (últimas notícias de um jornal online por exemplo). A maioria das

Leia mais

Tutorial Word 2007. Estilos. 1. Estruturação do Documento. 1.1 Mapa do documento. Tutorial Word 2007

Tutorial Word 2007. Estilos. 1. Estruturação do Documento. 1.1 Mapa do documento. Tutorial Word 2007 Tutorial Word 2007 Este tutorial pretende introduzir algumas das ferramentas automáticas do Word para a geração de sumários, índices de figuras ou tabelas, referencias e citações automáticas ao longo do

Leia mais