FORMULÁRIO Nº 13 ESPECIFICAÇÃO DA DISCIPLINA

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "FORMULÁRIO Nº 13 ESPECIFICAÇÃO DA DISCIPLINA"

Transcrição

1 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LINGÜÍSTICA III LINGÜÍSTICA DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: CIÊNCIAS DA LINGUAGEM 1. APRESENTAR AS PRINCIPAIS TEORIAS QUE TÊM COMO OBJETO A LINGUAGEM EM SITUAÇÕES DE USO; 2. ANALISAR SITUAÇÕES DE INTERAÇÃO, IDENTIFICANDO OS PRINCIPAIS FATORES QUE CARACTERIZAM A LINGUAGEM COMO PRÁTICA SOCIAL; 3. ANALISAR TEXTOS, OBSERVANDO ASPECTOS DISCURSIVOS E MECANISMOS DE COESÃO E COERÊNCIA TEXTUAIS; 4. IDENTIFICAR CONTRIBUIÇÕES DAS TEORIAS DO TEXTO E DO DISCURSO E DA ANÁLISE DA CONVERSAÇÃO PARA O ENSINO DE LÍNGUA MATERNA. 1. A LINGUAGEM EM USO: 1.1 OS ATOS DE FALA / 1.2 ANÁLISE DA CONVERSAÇÃO / 2. DISCURSO E TEXTO / 2.1 COESÃO E COERÊNCIA TEXTUAIS PROVAS, RESENHAS, EXERCÍCIOS EM SALA, EXERCÍCIOS EM CASA, SEMINÁRIOS, PESQUISA DE CAMPO

2 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LINGÜÍSTICA I LINGÜÍSTICA DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: CIÊNCIAS DA LINGUAGEM 1. INICIAR O ESTUDANTE NOS ESTUDOS DAS QUESTÕES BÁSICAS DA CIÊNCIA LINGÜÍSTICA; 2. APRESENTAR OS CONCEITOS TEÓRICOS FUNDAMENTAIS QUE DEFINEM A LINGUAGEM E AS LÍNGUAS; 3. IDENTIFICAR OS PRINCÍPIOS FUNDAMENTAIS DE DESCRIÇÃO DO ESTRUTURALISMO DE BASE SAUSSUREANA E DO GERATIVISMO OMSKYANO; 4. EXEMPLIFICAR OS MODELOS DE DESCRIÇÃO, POR MEIO DO ESTUDO DE QUESTÕES DE FONOLOGIA, MORFOLOGIA E SINTAXE DAS LÍNGUAS; 5. IDENTIFICAR CONTRIBUIÇÕES DA TEORIA LINGÜÍSTICA PARA O ENSINO DE LÍNGUA MATERNA. 1. LINGUAGEM E LÍNGUA / 2. A CIÊNCIA LINGÜÍSTICA / 3. MODELOS DE DESCRIÇÃO DAS LÍNGUAS. PROVAS, RESENHAS, EXERCÍCIOS EM SALA, EXERCÍCIOS EM CASA, TRABALHOS COLETIVOS, SEMINÁRIOS.

3 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LINGÜÍSTICA II LINGÜÍSTICA DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: CIÊNCIAS DA LINGUAGEM 1. APRESENTAR AS PRINCIPAIS TEORIAS DE AQUISIÇÃO DA LINGUAGEM; 2. APRESENTAR AS PRINCIPAIS TEORIAS QUE TRATAM DA VARIAÇÃO EDA MUDANÇA LINGÜÍSTICA; 3. IDENTIFICAR CONTRIBUIÇÕES DAS TEORIAS DA AQUISIÇÃO DA LINGUAGEM E DA VARIAÇÃO LINGÜÍSTICA AO ENSINO DE LÍNGUA MATERNA. AQUISIÇÃO DA LINGUAGEM: TEORIAS EXPLICATIVAS, FASES DA AQUISIÇÃO DA LÍNGUA PELA CRIANÇA, AQUISIÇÃO DE UMA SEGUNDA OU TERCEIRA LÍNGUA E A HIPÓTESE DA IDADE CRÍTICA. LINGUAGEM E SOCIEDADE: FATORES DE PRESERVAÇÃO, DE VARIAÇÃO E DE MUDANÇA LINGÜÍSTICA. PROVAS, RESENHAS, EXERCÍCIOS EM SALA, EXERCÍCIOS EM CASA, TRABALHOS COLETIVOS, SEMINÁRIOS.

4 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO CRÍTICA TEXTUAL CRÍTICA TEXTUAL / ECDÓTICA I DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: CIÊNCIAS DA LINGUAGEM CARGA HORÁRIA TOTAL: 60 TEÓRICA: 30 PRÁTICA: 0 ESTÁGIO: FAVORECER, ATRAVÉS DO ESTUDO MAIS AMPLO DA HISTÓRIA DA CRÍTICA TEXTUAL (DO SEU CONCEITO OBJETO MÉTODO FINALIDADE) E DOS PROBLEMAS QUE ENVOLVEM AS TAREFAS DO CRÍTICO TEXTUAL, O ENTENDIMENTO DA IMPORTÂNCIA DESSA CIÊNCIA NA FORMAÇÃO DOS PROFISSIONAIS DE LETRAS E DE OUTRAS ÁREAS DAS CIÊNCIAS HUMANAS (COMO HISTÓRIA E BIBLIOTECONOMIA), COM VISTAS À FORMAÇÃO DO FUTURO DOCENTE E PESQUISADOR. INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA CRÍTICA TEXTUAL E SUA RELAÇÃO COM O ENSINO E A PESQUISA. EXERCÍCIOS DE: TRANSCRIÇÃO DIPLOMÁTICA, TRANSCRIÇÃO CRÍTICA, TRANSCRIÇÃO DE TEXTOS GRAVADOS, PREPARAÇÃO DE EDIÇÃO CRÍTICA, COMENTÁRIO DE VARIANTES, RECONSTITUIÇÃO DE EDIÇÕES; ANÁLISE DE ANTOLOGIAS E DE EDIÇÕES CRÍTICAS; RESENHAS; SEMINÁRIOS; PROVAS.

5 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO TEORIA DA LITERATURA TEORIA DA LITERATURA I DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: CIÊNCIAS DA LINGUAGEM RESGATE DA MEMÓRIA TEÓRICA SOBRE LITERATURA E GÊNEROS LITERÁRIOS COM VISTAS A MELHOR AVALIAÇÃO E COMPREENSÃO DAS PRÁTICAS ATUAIS E PASSADAS DE PRODUÇÃO TEXTUAL. / ANÁLISE VINCULADA AO CONTEXTO SOCIOCULTURAL DA FORMAÇÃO, INTER-RELACIONAMENTO, CONTINUIDADE, TRANSFORMAÇÃO OU APAGAMENTO DE IDÉIAS LITERÁRIAS NO MUNDO OCIDENTAL. / CONHECIMENTO PANORÂMICO E PONTUALIZADO DE FORMAS DO SABER TEÓRICO DE E SOBRE A LITERATURA. / REFLEXÃO CRÍTICA SOBRE ASPECTOS EPISTEMOLÓGICOS E METODOLÓGICOS DA TEORIA DA LITERATURA NO PASSADO E NO PRESENTE. / PRÁTICA DE LEITURA E INTERPRETAÇÃO DE TEXTOS DE E SOBRE LITERATURA, COM VISTAS TAMBÉM À FORMAÇÃO DO FUTURO DOCENTE E PESQUISADOR / LEVANTAMENTO DE FONTES DA TEORIA DA LITERATURA. CONCEPÇÕES DE LITERATURA. O CONCEITO DE GÊNERO LITERÁRIO. OS SENTIDOS DA REFLEXÃO SOBRE LITERATURA E SUA RELAÇÃO COM O ENSINO E PESQUISA. PROVAS, EXERCÍCIOS, SEMINÁRIOS, RESENHAS, RELATÓRIOS, TRABALHOS DE PESQUISA.

6 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO TEORIA DA LITERATURA TEORIA DA LITERATURA II DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: CIÊNCIAS DA LINGUAGEM 1.ESTUDO DOS QUADROS TEÓRICOS QUE FUNDAMENTAM AS DIVERSAS FORMAS DE REFLEXÃO SOBRE A LITERATURA. / 2.TEORIZAÇÃO E PRÁTICA DE INTERPRETAÇÃO LITERÁRIA. / 3.CONHECIMENTO PANORÂMICO E PONTUALIZADO DE FORMAS DO SABER TEÓRICO DE E SOBRE A LITERATURA. / 4.REFLEXÃO CRÍTICA SOBRE ASPECTOS DA HISTÓRIA DA LITERATURA, DA PRODUÇÃO TEXTUAL E DA LEITURA. /5. PRÁTICA DE LEITURA E INTERPRETAÇÃO DE TEXTOS DE E SOBRE LITERATURA, COM VISTAS TAMBÉM À FORMAÇÃO DO FUTURO DOCENTE E PESQUISADOR. QUADROS TEÓRICOS QUE FUNDAMENTAM AS DIVERSAS FORMAS DE REFLEXÃO SOBRE A LITERATURA. O TEXTO E O LEITOR. A ANÁLISE E A INTERPRETAÇÃO LITERÁRIA. LITERATURA E HISTÓRIA E SUA RELAÇÃO COM O ENSINO E PESQUISA. PROVAS, EXERCÍCIOS, SEMINÁRIOS, RESENHAS, RELATÓRIOS, TRABALHOS DE PESQUISA.

7 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LITERATURA PORTUGUESA LITERATURA PORTUGUESA II DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS CLÁSSICAS E VERNÁCULAS LEVAR O ALUNO A CONHECER UM PANORAMA DA LITERATURA PORTUGUESA EM TORNO DE EIXOS TEMÁTICOS E DE UM CORPUS MÍNIMO DE AUTORES; - LEVAR O ALUNO A PROBLEMATIZAR QUESTÕES E RELAÇÕES ENTRE LITERATURA E CULTURA PORTUGUESA; - LEVAR O ALUNO À PRÁTICA DE LITERATURA CRÍTICA E TEÓRICA NO ÂMBITO DOS ESTUDOS CONTEMPORÂNEOS DE LITERATURA E CULTURA PORTUGUESA. APRESENTAÇÃO DA LITERATURA PORTUGUESA ATRAVÉS DE TRÊS EIXOS TEMÁTICOS - SUBJETIVIDADE, AMOR E EXISTÊNCIA - COM VISTAS A PROBLEMATIZAR AS QUESTÕES DO LIRISMO, ALTERIDADE, EROTISMO, TEMPORALIDADE, FINITUDE E TRANSCENDÊNCIA. CORPUS MÍNIMO: TROVADORISMO, LUIS DE CAMÕES (LÍRICA), BOCAGE, ALMEIDA GARRETT, ANTERO DE QUENTAL, CESÁRIO VERDE, CAMILO PESSANHA, FERNANDO PESSOA, MÁRIODE SÁ-CARNEIRO, FLORBELA ESPANCA E JORGE DE SENA. PRÁTICAS EDUCATIVAS: APLICAÇÃO AO ENSINO E À PESQUISA. MÍNIMO DE DUAS AVALIAÇÕES ESCRITAS (PROVA E/OU TRABALHOS CRÍTICOS / - SEMINÁRIOS.

8 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LITERATURA PORTUGUESA LITERATURA PORTUGUESA I DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS CLÁSSICAS E VERNÁCULAS LEVAR O ALUNO A CONHECER UM PANORAMA DA LITERATURA PORTUGUESA EM TORNO DE TRÊS EIXOS TEMÁTICOS: ESCRITA, TERRITÓRIOS E DESLOCAMENTOS E DE UM CORPUS MÍNIMO DE AUTORES; - LEVAR O ALUNO A PROBLEMATIZAR QUESTÕES E RELAÇÕES ENTRE LITERATURA E CULTURA PORTUGUESA; - LEVAR O ALUNO À PRÁTICA DE LITERATURA CRÍTICA E TEÓRICA NO ÂMBITO DOS ESTUDOS CONTEMPORÂNEOS DE LITERATURA E CULTURA PORTUGUESA. APRESENTAÇÃO DA LITERATURA PORTUGUESA ATRAVÉS DE TRÊS EIXOS TEMÁTICOS - ESCRITA, TERRITÓRIOS E DESLOCAMENTOS - COM VISTAS A PROBLEMATIZAR AS QUESTÕES DA ESCRITA - COMO OBJETO AUTO-REFERENCIAL -, DA INTERTEXTUALIDADE, DAS VIAGENS, DAS IDENTIDADES, DA HISTÓRIA. CORPUS MÍNIMO: FERNÃO LOPES, LUÍS DE CAMÕES (ÉPICA), ALMEIDA GARRETT, EÇA DE QUEIRÓS, CESÁRIO VERDE, FERNANDO PESSOA, MIGUEL TORGA, SOPHIA DE MELLO BREYNER ANDERSEN, JOSÉ CARDOSO PIRES E JOSÉ SARAMAGO. PRÁTICAS EDUCATIVAS: APLICAÇÃO AO ENSINO E À PESQUISA. PROVAS, SEMINÁRIOS, RESENHAS, TRABALHOS DE PESQUISA.

9 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LATIM BÁSICO I LATIM BÁSICO DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS CLÁSSICAS E VERNÁCULAS POSSIBILITAR AO ALUNO O DOMÍNIO DAS ESTRUTURAS MORFOSSINTÁTICAS BÁSICAS DO LATIM, DO VOCABULÁRIO TANTO LATINO QUANTO VERNÁCULO E, CONSEQÜENTEMENTE, O DAS LÍNGUAS ROMÂNICAS. LEVAR O ALUNO A REFLETIR SOBRE A APLICAÇÃO PRÁTICA DO LATIM NO ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO. VISÃO GERAL DA HISTÓRIA EXTERNA DO LATIM. A ESTRUTURAÇÃO MORFOSSINTÁTICA DO LATIM CLÁSSICO: SUBSTANTIVOS DAS CINCO DECLINAÇÕES. ADJETIVOS. O VERBO: VOZ, NÚMERO E PESSOA. TEMPOS DO INFECTUM NO INDICATIVO. ESTRUTURAS SINTÁTICAS SIMPLES. SENTENÇAS SELECIONADAS DE AUTORES LATINOS. O TEMPO DESTINADO À PRÁTICA EDUCATIVA SERÁ UTILIZADO PARA A CONFECÇÃO DE PAINÉIS, WORK SHOPDS, SEMINÁRIOS E DEBATES. PROVAS, RELATÓRIOS, SEMINÁRIOS, FIAMENTOS.

10 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LATIM BÁSICO LATIM BÁSICO II DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS CLÁSSICAS E VERNÁCULAS POSSIBILITAR AO ALUNO O DOMÍNIO DAS ESTRUTURAS MORFOSSINTÁTICAS BÁSICAS DO LATIM, DO VOCABULÁRIO TANTO LATINO QUANTO VERNÁCULO E, CONSEQÜENTEMENTE, O DAS LÍNGUAS ROMÂNICAS. LEVAR O ALUNO A REFLETIR SOBRE A APLICAÇÃO PRÁTICA DO LATIM NO ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO. A ESTRUTURA MORFOSSINTÁTICA DO LATIM CLÁSSICO: SUBSTANTIVOS DAS CINCO DECLINAÇÕES. PRONOMES. O VERBO: VOZ, NÚMERO E PESSOA. TEMPOS DO PERFECTUM NO INDICATIVO. ESTRUTURAS SINTÁTICAS SIMPLES. SENTENÇAS SELECIONADAS DE AUTORES LATINOS. O TEMPO DESTINADO À PRÁTICA EDUCATIVA SERÁ UTILIZADO PARA A CONFECÇÃO DE PAINÉIS, WORK SHOPDS, SEMINÁRIOS E DEBATES. PROVAS, RELATÓRIOS, SEMINÁRIOS, FIAMENTOS.

11 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO MATRIZES CLÁSSICAS MATRIZES CLÁSSICAS DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS CLÁSSICAS E VERNÁCULAS LEVAR O ALUNO A FUNDAMENTAR SEUS JULGAMENTOS SOBRE DADOS E CONCEITOS DA CULTURA CLÁSSICA E OCIDENTAL COM ELEMENTOS HAURIDOS NA LEITURA E REFLEXÃO DE TEXTOS CARACTERÍSTICOS, AO MESMO TEMPO QUE SUSCITAR NO ALUNO A REFLEXÃO SOBRE A APLICAÇÃO DESSES DADOS E CONCEITOS NO ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO. A POESIA ÉPICA: ASPECTOS ESSENCIAIS NAS LITERATURAS GREGA E LATINA. O PAPEL DO AEDO NA CULTURA GREGA. A TRADIÇÃO ESCRITA DA EPOPÉIA LATINA. O PAPEL DO MITO NA ÉPICA VERGILIANA. A VERTENTE DA DRAMATURGIA: TRAGÉDIA E COMÉDIA ÁTICAS. A COMÉDIA NOVA DA GRÉCIA. A TRAGÉDIA E A COMÉDIA LATINA. O NASCIMENTO DO LIRISMO ANTIGO. O LIRISMO GREGO. O LIRISMO EM ROMA. O TEMPO DESTINADO À PRÁTICA EDUCATIVA SERÁ UTILIZADO PARA A CONFECÇÃO DE PAINÉIS, WORK SHOPDS, SEMINÁRIOS E DEBATES. PROVAS, RELATÓRIOS, SEMINÁRIOS, FIAMENTOS.

12 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LITERATURA BRASILEIRA LITERATURA BRASILEIRA I DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS CLÁSSICAS E VERNÁCULAS OFERECER UM REPERTÓRIO TEÓRICO, COMPOSTO DE CONCEITOS OPERACIONAIS BÁSICOS PARA A LEITURA DE TEXTOS LITERÁRIOS PARA HABILITAR O ALUNO A LER E ANALISAR CRITICAMENTE OBRAS DA LITERATURA BRASILEIRA. / LEVAR O ALUNO A COMPREENDER O PROCESSO DE FORMAÇÃO DA LITERATURA BRASILEIRA, DO PERÍODO COLONIAL AO ROMANTISMO, INTER-RELACIONANDO ASPECTOS HISTÓRICOS, ESTÉTICOS E CULTURAIS QUE CLARIFIQUEM AS TENSÕES ENTRE AS MATRIZES METROPOLITANAS LUSAS DA LITERATURA E DA CULTURA BRASILEIRAS EM FORMAÇÃO. / CONDUZIR A UMA REFLEXÃO ACERCA DA PRODUÇÃO ROMANESCA BRASILEIRA DURANTE O SÉCULO XIX, COM PROJEÇÕES PARA O ROMANCE DO SÉCULO XX. / LEVAR O ALUNO A CONHECER AS OBRAS, OS AUTORES E OS PROCEDIMENTOS ESTÉTICOS E ESTILÍSTICOS MAIS REPRESENTATIVOS, SEM PERDER DE VISTA A ARTICULAÇÃO DO ROMANCE NACIONAL COM OS ESTRANGEIROS. / DESENVOLVER, NO ALUNO, UMA CAPACIDADE DE LEITURA COMPARATIVA, COM VISTAS À SUA FORMAÇÃO COMO DOCENTE. ESTUDO DE TEXTOS LITERÁRIOS REPRESENTATIVOS DO ÉPICO E DE OUTRAS MANIFESTAÇÕES NARRATIVAS DOS ESTILOS COLONIAIS. LEITURA DE TEXTOS CRÍTICOS E TEÓRICOS SOBRE O ASSUNTO REFLEXÃO SOBRE AS RELAÇÕES ENTRE LITERATURA E DEPENDÊNCIA CULTURAL. DISCUSSÃO SOBRE A CONSTRUÇÃO DO CONCEITO DE LITERATURA BRASILEIRA. COMPREENSÃO DO GÊNERO ÉPICO E DOS ESTILOS DE ÉPOCA DE TEXTOS BRASILEIROS DO PERÍODO COLONIAL, CONSIDERADOS EM CONTRAPONTO AO ROMANTISMO E À PROSA ROMÂNTICA, CUJA CARACTERIZAÇÃO É O OBJETIVO FUNDAMENTAL DESSA EMENTA.ESTUDO DE OBRAS BASTANTE REPRESENTATIVAS DA PRODUÇÃO ROMANESCA NACIONAL, SEJA PORQUE IMPLANTAM PADRÕES, SEJA PORQUE OS QUESTIONAM, DISTINGUINDO TEMAS, ESTILOS E PROCEDIMENTOS NARRATIVOS DO SÉCULO XIX NO BRASIL, MOSTRANDO, SEMPRE QUE POSSÍVEL, SUA ABERTURA PARA OS PROCESSOS ROMANESCOS DO SÉCULO XX E DANDO RELEVO À LEITURA COMPARATIVA DE ROMANCES NACIONAIS E ESTRANGEIROS. APLICAÇÃO AO ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO. PESQUISAS, RELATÓRIOS, PROVAS, SEMINÁRIOS.

13 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LITERATURA BRASILEIRA LITERATURA BRASILEIRA II DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS CLÁSSICAS E VERNÁCULAS OFERECER UM REPERTÓRIO TEÓRICO, COMPOSTO DE CONCEITOS OPERACIONAIS BÁSICOS PARA A LEITURA DE TEXTOS LITERÁRIOS PARA HABILITAR O ALUNO A LER E ANALISAR CRITICAMENTE TEXTOS DE LITERATURA BRASILEIRA. / LEVAR O ALUNO A COMPREENDER O PROCESSO DE FORMAÇÃO DA POESIA BRASILEIRA, DO PERÍODO COLONIAL AO ROMANTISMO, INTER-RELACIONANDO ASPECTOS HISTÓRICOS, ESTÉTICOS E CULTURAIS QUE CLARIFIQUEM AS TENSÕES ENTRE AS MATRIZES METROPOLITANAS LUSAS DA LITERATURA E DA CULTURA BRASILEIRAS EM FORMAÇÃO. / ESTUDAR OS PROCEDIMENTOS ESTILÍSTICOS E TEMÁTICOS DAS POÉTICAS ROMÂNTICA, PARNASIANA, SIMBOLISTA E MODERNISTA DOS PRIMEIROS ANOS DO MODERNISMO BRASILEIRO. / LEVAR O ALUNO UMA PRÁTICA DA LEITURA E INTERPRETAÇÃO DE TEXTOS POÉTICOS, COM VISTAS À FORMAÇÃO DO FUTURO DOCENTE. INTRODUÇÃO À LÍRICA LUSO-BRASILEIRA, DO BARROCO AO PRÉ-ROMANTISMO. ESTUDO DO CLIMA CULTURAL, INTELECTUAL E POLÍTICO DO ROMANTISMO EM GERAL. AS GRANDES VERTENTES DA LÍRICA ROMÂNTICA BRASILEIRA. GONÇALVES DIAS; ÁLVARES DE AZEVEDO; CASTRO ALVES; SOUSÂNDRADE. PRESSUPOSTOS HISTÓRICOS E SOCIAIS QUE MARCARAM A VIDA E A POESIA BRASILEIRA PÓS-ROMÂNTICA. DISCUSSÃO SOBRE A ESTÉTICA PARNASIANA E SOBRE O MOVIMENTO SIMBOLISTA NO BRASIL. AS CORRENTES DA VANGUARDA EUROPÉIA. A VANGUARDA PAULISTA : MÁRIO E OSWALD DE ANDRADE. A EXPRESSÃO POÉTICA DE MANUEL BANDEIRA. CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE E A LÍRICA DO SENTIMENTO DO MUNDO, DA EXPERIÊNCIA COM A LINGUAGEM E COM O MEMORIALISMO. APLICAÇÃO AO ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO. PESQUISAS, RELATÓRIOS, PROVAS, SEMINÁRIOS.

14 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LITERATURA BRASILEIRA LITERATURA BRASILEIRA III DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS CLÁSSICAS E VERNÁCULAS LEVAR O ALUNO A ESTUDAR AS OBRAS REPRESENTATIVAS DA PROSA BRASILEIRA DO SÉCULO XX, TOMANDO-SE, COMO MARCO INICIAL, A OBRA DE EUCLIDES DA CUNHA E FINAL, A DE GUIMARÃES ROSA. / DESENVOLVER NO ALUNO A PRÁTICA DE LEITURA E INTERPRETAÇÃO DE TEXTOS TEÓRICOS E LITERÁRIOS, COM VISTAS À FORMAÇÃO DO FUTURO PROFESSOR. 1. ESTUDO DE NARRATIVAS BRASILEIRAS PRODUZIDAS NO SÉCULO XX, LEVANDO-SE EM CONTA OS EVENTOS LITERÁRIOS, CULTURAIS, SOCIAIS E HISTÓRICOS FUNDAMENTAIS. 2. PROBLEMATIZAÇÃO DOS VÁRIOS ESTILOS E PROCEDIMENTOS NARRATIVOS QUE SE SUCEDEM E SE ARTICULAM POR SEMELHANÇAS OU POR DIFERENÇAS NO DIÁLOGO COM O PASSADO ESTÉTICO-CULTURAL BRASILEIRO E EUROPEU. 3. COMENTÁRIO, EM FACE DO LARGO ESPECTRO DE OBRAS E DE AUTORES QUE PODEM COMPORTAR ESTA EMENTA, DA PROSA DE EUCLIDES DA CUNHA, LIMA BARRETO, MARIO DE ANDRADE, OSWALD DE ANDRADE, GRACILIANO RAMOS, RAQUEL DE QUEIROZ, JOSÉ LINS DO REGO, GUIMARÃES ROSA. APLICAÇÃO AO ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO. PESQUISAS, RELATÓRIOS, PROVAS, SEMINÁRIOS.

15 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LÍNGUA PORTUGUESA LÍNGUA PORTUGUESA VIII DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS CLÁSSICAS E VERNÁCULAS O ALUNO DEVERÁ SER CAPAZ DE: INFERIR QUE, A PAR DAS VARAIÇÕES PELAS QUAIS UMA LÍNGUA SE MANIFESTA, HÁ UMA ESTRUTURA COMUM. IDENTIFICAR AS CARACTERÍSTICAS FONOLÓGICAS, MORFOLÓGICAS E SINTÁTICAS DO PORTUGUÊS DO BRASIL. RECONHECER A HISTÓRIA DA LÍNGUA PORTUGUESA NO BRASIL, VINCULANDO-A À NOÇÃO DE IDENTIDADE NACIONAL. IDENTIFICAR OS DIFERENTES REGISTROS SOCIOCULTURAIS E GEOGRÁFICOS DA LÍNGUA PORTUGUESA DO BRASIL. DISCUTIR UMA POLÍTICA DE ENSINO DE LÍNGUA, TORNANDO-O MAIS PRODUTIVO. PANORAMA LINGÜÍSTICO DO BRASIL DO PERÍODO COLONIAL À ATUALIDADE. OS ESTUDOS LINGÜÍSTICOS NO BRASIL. POLÍTICA DO IDIOMA. VARIAÇÃO E ENSINO. TAREFAS EM SALA DE AULA, SEMINÁRIOS E PROVAS.

16 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LÍNGUA PORTUGUESA LÍNGUA PORTUGUESA I DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS CLÁSSICAS E VERNÁCULAS O ALUNO DEVERÁ DOMINAR CONCEITOS BÁSICOS RELATIVOS A TEORIA DO TEXTO; RECONHECER NO TEXTO AS CARACTERÍSTICAS MARCANTES DO GÊNERO E DO(S) TIPO(S) EM QUE SE CONFIGURA;IDENTIFICAR AS CARACTERÍSTICAS PECULIARES AOS TEXTOS ORAIS E ESCRITOS, REFLETINDO SOBRE O SEU PROCESSO DE PRODUÇÃO;PRODUZIR E COMPREENDER TEXTOS DE GÊNEROS E TIPOS VARIADOS; REFLETIR SOBRE O ENSINO DA PRODUÇÃO E DA LEITURA DE TEXTOS NO ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO TEXTO: CONCEITUAÇÃO E FATORES DE TEXTUALIDADE.GÊNEROS E TIPOS TEXTUAIS. TEXTO ORAL E ESCRITO. PROCESSOS DE LEITURA E DE ESCRITA. COMPREENSÃO E PRODUÇÃO DE TEXTOS NO ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO. PRÁTICA DE LEITURA E PRODUÇÃO DE TEXTOS. TAREFAS DE LEITURA, PRODUÇÃO E AVALIAÇÃO DE TEXTOS, SEMINÁRIOS E PROVAS.

17 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LÍNGUA PORTUGUESA LÍNGUA PORTUGUESA II DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS CLÁSSICAS E VERNÁCULAS O ALUNO DEVERÁ SER CAPAZ DE INFERIR QUE, SOB AS VARIAÇÕES PELAS QUAIS UMA LÍNGUA SE MANIFESTA, HÁ UMA ESTRUTURA COMUM QUE PERMITE A INTERCOMUNICAÇÃO ENTRE OS FALANTES;ANALISAR A ESTRUTURA SINTÁTICA DOS PERÍODOS E DAS ORAÇÕES EM LÍNGUA PORTUGUESA;DESCREVER OS MECANISMOS DE CONCORDÂNCIA, DE REGÊNCIA E DE COLOCAÇÃO DA LÍNGUA PORTUGUESA;COMPARAR A ESTRUTURA DO PERÍODO SIMPLES NA PERSPECTIVA DO TEXTO FALADO E DO TEXTO ESCRITO. TEXTO E FRASE, ORAÇÃO E PERÍODO. PERÍODO SIMPLES. A SINTAXE DO TEXTO ORAL E ESCRITO. CONSTITUINTES SINTÁTICOS E CLASSES DE PALAVRAS. A ORAÇÃO E SEUS TERMOS. SUBORDINAÇÃO E COORDENAÇÃO. APLICAÇÃO DO ESTUDO DA SINTAXE AO ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO. EXERCÍCIOS, PROVAS, SEMINÁRIOS, ESTUDOS DIRIGIDOS.

18 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LÍNGUA PORTUGUESA LÍNGUA PORTUGUESA III DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS CLÁSSICAS E VERNÁCULAS O ALUNO DEVERÁ SER CAPAZ DE IDENTIFICAR, DESCREVER E CLASSIFICAR OS DISTINTOS MECANISMOS DE ARTICULAÇÃO ORACIONAL EM PORTUGUÊS;ANALISAR INTEPRETATIVAMENTE OS DIVERSOS EFEITOS DE SENTIDO PRODUZIDOS NA COMBINAÇÃO ENTRE ORAÇÕES NA PRODUÇÃO TEXTUAL;COMPARAR A ESTRUTURA DO PERÍODO COMPOSTO NO TEXTO FALADO E NO ESCRITO;DISCUTIR A QUESTÃO DO PERÍODO COMPOSTO NA PERSPECTIVA DO ENSINO-APRENDIZAGEM DE LÍNGUA PORTUGUESA À LUZ DOS PCN. O PERÍODO COMPOSTO. CLASSES DE PALAVRAS E SINTAGMAS: FUNÇÕES SINTÁTICAS, SEMÂNTICAS E DISCURSIVAS. PERÍODO COMPOSTO E ORAÇÃO COMPLEXA. SINTAXE E RECURSOS DE EXPRESSÃO. APLICAÇÃO DO ESTUDO DA SINTAXE AO ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO. EXERCÍCIOS, PROVAS, SEMINÁRIOS, ESTUDOS DIRIGIDOS.

19 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LÍNGUA PORTUGUESA LÍNGUA PORTUGUESA IV DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS CLÁSSICAS E VERNÁCULAS LEVAR OS ALUNOS A RECONHECER A ESTRUTURA MORFOLÓGICA DO PORTUGUÊS ATUAL, BASEANDO-SE EM PRINCÍPIOS TEÓRICOS E METODOLÓGICOS DA ANÁLISE MÓRFICA MORFOLOGIA SINCRÔNICA: OBJETO E FUNDAMENTOS. A PALAVRA: CONCEITUAÇÃO E ESTRUTURA. CLASSES DE PALAVRAS.PROCESSOS DE FORMAÇÃO DE PALAVRAS.. MECANISMOS FLEXIONAIS. APLICAÇÃO DO ESTUDO DA MORFOLOGIA AO ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO. EXERCÍCIOS,ESTUDO DIRIGIDO, SEMINÁRIOS, PROVAS.

20 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LÍNGUA PORTUGUESA LÍNGUA PORTUGUESA V DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS CLÁSSICAS E VERNÁCULAS O ALUNO DEVERÁ SER CAPAZ DE DOMINAR CONCEITOS E TÉCNICAS BÁSICAS DE FONÉTICA E FONOLOGIA PARA O ESTUDO DO PORTUGUÊS CONTEMPORÂNEO, COM BASE NA MODALIDADE CULTA DO DIALETO DO RIO DE JANEIRO E DE SUA COMPARAÇÃO COM OUTRAS MODALIDADES DA LÍNGUA PORTUGUESA;DESCREVER E ANALISAR FATOS ATINENTES À FONÉTICA E À FONOLOGIA SINCRÔNICA EM PORTUGUÊS FONÉTICA E FONOLOGIA SINCRÔNICA: OBJETO E FUNDAMENTOS. SISTEMA FONOLÓGICO DO PORTUGUÊS E SUAS IMPLICAÇÕES ORTOGRÁFICAS. PROSÓDIA. FONÉTICA SINTÁTICA. FONOESTILÍSTICA. APLICAÇÕES DA FONÉTICA E DA FONOLOGIA AO ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO. TAREFAS, SEMINÁRIOS, PROVAS E MONOGRAFIAS.

21 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LÍNGUA PORTUGUESA LÍNGUA PORTUGUESA VI DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS CLÁSSICAS E VERNÁCULAS CONFERIR AO EDUCANDO CAPACITAÇÃO PARA A TAREFA DE DESCRIÇÃO E ANÁLISE DOS FATOS ATINENTES À FONOLOGIA DIACRÔNICA EM PORTUGUÊS. HISTÓRIA EXTERNA DA LÍNGUA PORTUGUESA. FUNDAMENTOS PARA O ESTUDO DA HISTÓRIA DA LÍNGUA. VOCALISMO E CONSONANTISMO. HISTÓRIA DO SISTEMA ORTOGRÁFICO. APLICAÇÃO AO ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO. SEMINÁRIO, PROVA,MONOGRAFIA.

22 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LÍNGUA PORTUGUESA LÍNGUA PORTUGUESA VII DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS CLÁSSICAS E VERNÁCULAS O ESTUDANTE ADQUIRIRÁ NOÇÕES SOBRE A EVOLUÇÃO DA MORFOLOGIA DA LÍNGUA DO LATIM AO PORTUGUÊS DE MODO A CONCLUIR QUE A LÍNGUA NÃO É APENAS A CONSTRUÇÃO DE UM SISTEMA PARTICULAR DE EXPRESSÃO MAS TAMBÉM HERANÇA HISTÓRICA, QUE LHE CABE RESGUARDAR. MORFOLOGIA DIACRÔNICA: OBJETO E FUNDAMENTOS. EVOLUÇÃO MORFOLÓGICA E SINTÁTICA DO LATIM AO PORTUGUÊS. APLICAÇÃO AO ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO. TAREFAS EM SALA DE AULA, SEMINÁRIOS E PROVAS SERÃO OS INSTRUMENTOS UTILIZADOS PARA O ACOMPANHAMENTO E A AVALIAÇÃO DO TRABALHO DOS ALUNOS.

23 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LITERATURA HISPANO-AMERICANA LITERATURA HISPANO-AMERICANA I DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS ESTRANGEIRAS MODERNAS 1- PERCEBER O EXPERIMENTALISMO E A TRADIÇÃO COMO LINHAS DE FORÇA NO SISTEMA LITERÁRIO HISPANO- AMERICANO. / 2. IDENTIFICAR E RELACIONAR EXPERIMENTALISMO E TRADIÇÃO COMO TENSÃO RECORRENTE NO SISTEMA LITERÁRIO HISPANO-AMERICANO. EXPERIMENTALISMO E TRADIÇÃO NA LITERATURA HISPANO- AMERICANA. APLICAÇÃO AO ENSINO E À PESQUISA. O SISTEMA DE AVALIAÇÃO SERÁ CONTÍNUO E DIVERSIFICADO, ESTANDO PREVISTAS APLICAÇÕES DE PROVAS ESCRITAS E/OU ORAIS; SEMINÁRIOS EM GRUPOS COM APRESENTAÇÃO ESCRITA E/OU ORAL. AO FINAL DE CADA SEMESTRE, HAVERÁ AUTO-AVALIAÇÃO DE ALUNOS E PROFESSOR PARA AVALIAR RESULTADO E PROCEDIMENTOS.

24 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LITERATURA HISPANO-AMERICANA LITERATURA HISPANO-AMERICANA II DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS ESTRANGEIRAS MODERNAS 1- PERCEBER O EXPERIMENTALISMO E A TRADIÇÃO COMO LINHAS DE FORÇA NO SISTEMA LITERÁRIO HISPANO- AMERICANO. / 2. IDENTIFICAR E RELACIONAR EXPERIMENTALISMO E TRADIÇÃO COMO TENSÃO RECORRENTE NO SISTEMA LITERÁRIO HISPANO-AMERICANO. EXPERIMENTALISMO E TRADIÇÃO NA LITERATURA HISPANO- AMERICANA. APLICAÇÃO AO ENSINO E À PESQUISA. PROVAS, TESTES E SEMINÁRIOS.

25 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LITERATURA HISPANO-AMERICANA LITERATURA HISPANO-AMERICANA III DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS ESTRANGEIRAS MODERNAS IDENTIFICAR A DUALIDADE CAMPOX CIDADE, RELACIONANDO-A AO CONTEXTO ESPECÍFICO DE PROJETO CRIADOR PERIFÉRICO. A DUALIDADE CAMPOX CIDADE NO PROCESSO LITERÁRIO HISPANO-AMERICANO. APLICAÇÃO AO ENSINO E À PESQUISA. O SISTEMA DE AVALIAÇÃO SERÁ CONTÍNUO E DIVERSIFICADO, ESTANDO PREVISTAS APLICAÇÕES DE PROVAS ESCRITAS E/OU ORAIS; SEMINÁRIOS EM GRUPOS COM APRESENTAÇÃO ESCRITA E/OU ORAL. AO FINAL DE CADA SEMESTRE, HAVERÁ AUTO-AVALIAÇÃO DE ALUNOS E PROFESSOR PARA AVALIAR RESULTADO E PROCEDIMENTOS.

26 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LITERATURA ESPANHOLA LITERATURA ESPANHOLA II DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS ESTRANGEIRAS MODERNAS 1- RELACIONAR AS ATITUDES DE ISOLAMENTO E COSMOPOLITISMO COMO TENDÊNCIAS RECORRENTES E NÃO EXCLUDENTES AO LONGO DO PROCESSO LITERÁRIO ESPANHOL O MESMO E O OUTRO: A DUALIDADE ISOLAMENTO/UNIVERSALIDADE NO PROCESSO LITERÁRIO ESPANHOL. APLICAÇÃO AO ENSINO E À PESQUISA. O SISTEMA DE AVALIAÇÃO SERÁ CONTÍNUO E DIVERSIFICADO, ESTANDO PREVISTAS APLICAÇÕES DE PROVAS ESCRITAS E/OU ORAIS; SEMINÁRIOS EM GRUPOS COM APRESENTAÇÃO ESCRITA E/OU ORAL. AO FINAL DE CADA SEMESTRE, HAVERÁ AUTO-AVALIAÇÃO DE ALUNOS E PROFESSOR PARA AVALIAR RESULTADO E PROCEDIMENTOS.

27 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LÍNGUA ESPANHOLA LÍNGUA ESPANHOLA I DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS ESTRANGEIRAS MODERNAS 1- CONHECER CONCEITOS ESSENCIAIS AO ATO DE LER EM ESPANHOL. / 2- LER TEXTOS ESPANHÓIS CONTEMPORÂNEOS DE DIFERENTES GÊNEROS E LINGUAGENS. / 3 - COMPREENDER AS ESPECIFICIDADES DOS ENUNCIADORES CULTURAIS ESPANHÓIS LEITURA DE TEXTOS ESPANHÓIS CONTEMPORÂNEOS, PRIVILEGIANDO A DIVERSIDADE DE GÊNERO E DE LINGUAGEM, NO PROPÓSITO DE DEFINIR SUAS ESPECIFICIDADES COMO ENUNCIADORES CULTURAIS. APLICAÇÃO AO ENSINO E À PESQUISA. O SISTEMA DE AVALIAÇÃO SERÁ CONTÍNUO E DIVERSIFICADO, ESTANDO PREVISTAS APLICAÇÕES DE PROVAS ESCRITAS E/OU ORAIS; SEMINÁRIOS EM GRUPOS COM APRESENTAÇÃO ESCRITA E/OU ORAL. AO FINAL DE CADA SEMESTRE, HAVERÁ AUTO-AVALIAÇÃO DE ALUNOS E PROFESSOR PARA AVALIAR RESULTADO E PROCEDIMENTOS.

28 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LINGÜÍSTICA APLICADA AO ENSINO - ESP LINGÜÍSTICA APL ENSINO LÍNG ESTRANGEIRA - ESPANHOL DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS ESTRANGEIRAS MODERNAS A) FAMILIARIZAR O ALUNO À LINGÜÍSTICA APLICADA E SUAS PESQUISAS; B) LEVAR O ALUNO A REFLETIR SOBRE A ARTICULAÇÃO TEORIA-PRÁTICA NO ENSINO/APRENDIZAGEM DE LÍNGUAS; C) LEVAR O ALUNO A DESENVOLVER UMA VISÃO CRÍTICA EM RELAÇÃO AO ENSINO/APRENDIZAGEM DE LÍNGUAS ESTRANGEIRAS. DEFINIÇÃO DE LINGÜÍSTICA APLICADA E PESQUISAS NA ÁREA. ARTICULAÇÃO ENTRE TEORIAS LINGÜÍSTICAS, TEORIAS DE APRENDIZAGEM E ABORDAGENS PEDAGÓGICAS. A SALA DE AULA DE LÍNGUA ESTRANGEIRA: VISÕES CONTEMPORÂNEAS. O SISTEMA DE AVALIAÇÃO SERÁ CONTÍNUO E DIVERSIFICADO, ESTANDO PREVISTAS APLICAÇÕES DE PROVAS ESCRITAS E/OU ORAIS; SEMINÁRIOS EM GRUPOS COM APRESENTAÇÃO ESCRITA E/OU ORAL. AO FINAL DE CADA SEMESTRE, HAVERÁ AUTO-AVALIAÇÃO DE ALUNOS E PROFESSOR PARA AVALIAR RESULTADO E PROCEDIMENTOS.

29 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO MATRIZES CULTURAIS ESPANHOLAS MATRIZES CULTURAIS ESPANHOLAS DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS ESTRANGEIRAS MODERNAS IDENTIFICAR E RECONHECERAS DIVERSAS FONTES CONFIGURADORAS DA CULTURA ESPANHOLA OS PARADIGMAS CULTURAIS IBÉRICOS: PERMANÊNCIA E RENOVAÇÃO. APLICAÇÃO AO ENSINO E À PESQUISA. DEBATES, SEMINÁRIOS, AVALIAÇÃO ORAL E ESCRITA, TRABALHOS DE PESQUISA.

30 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO MATRIZES CULTURAIS HISPANO-AMERICANAS MATRIZES CULTURAIS HISPANO-AMERICANAS DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS ESTRANGEIRAS MODERNAS IDENTIFICAR ASPECTOS E ATITUDES RECORRENTES NO PROJETO CULTURAL HISPANO-AMERICANO AO LONGO DE SEU PROCESSO HISTÓRICO ASPECTOS DO PROCESSO CULTURAL HISPANO-AMERICANO: AS RAÍZES HISPÂNICAS, O SUBSTRATO INDÍGENA, A CONTRIBUIÇÃO AFRICANA, A MESTIÇAGEM. UNIDADE E DIVERSIDADE. APLICAÇÃO AO ENSINO E À PESQUISA. O SISTEMA DE AVALIAÇÃO SERÁ CONTÍNUO E DIVERSIFICADO, ESTANDO PREVISTAS APLICAÇÕES DE PROVAS ESCRITAS E/OU ORAIS; SEMINÁRIOS EM GRUPOS COM APRESENTAÇÃO ESCRITA E/OU ORAL. AO FINAL DE CADA SEMESTRE, HAVERÁ AUTO-AVALIAÇÃO DE ALUNOS E PROFESSOR PARA AVALIAR RESULTADO E PROCEDIMENTOS.

31 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LÍNGUA ESPANHOLA LÍNGUA ESPANHOLA VII DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS ESTRANGEIRAS MODERNAS 1- REFLETIR SOBRE AS RELAÇÕES QUE SE ESTABELECEM ENTRE TEORIA LINGÜÍSTICA E AS PRÁTICAS DE ESCRITURA A PARTIR DE SITUAÇÕES DE ENSINO-APRENDIZAGEM DE ESPANHOL LÍNGUA ESTRANGEIRA (ELE). / 2- REFLETIR CRITICAMENTE SOBRE ESSES TEMAS. / 3 - PERCEBER ESSE ESTUDO SOB A PERSPECTIVA DA APLICAÇÃO PEDAGÓGICA. PRÁTICAS AVANÇADAS E ENSINO DE ESPANHOL LÍNGUA ESTRANGEIRA COM FOCO NA ESCRITA. RELAÇÕES ENTRE TEORIA LINGÜÍSTICA E AS PRÁTICAS DE ESCRITURA. O SISTEMA DE AVALIAÇÃO SERÁ CONTÍNUO E DIVERSIFICADO, ESTANDO PREVISTAS APLICAÇÕES DE PROVAS ESCRITAS E/OU ORAIS; SEMINÁRIOS EM GRUPOS COM APRESENTAÇÃO ESCRITA E/OU ORAL. AO FINAL DE CADA SEMESTRE, HAVERÁ AUTO-AVALIAÇÃO DE ALUNOS E PROFESSOR PARA AVALIAR RESULTADO E PROCEDIMENTOS.

32 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LITERATURA ESPANHOLA LITERATURA ESPANHOLA I DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS ESTRANGEIRAS MODERNAS 1- IDENTIFICAR E RECONHECER PARADIGMAS E FORMAS LITERÁRIAS DE ALCANCE UNIVERSAL, PRODUZIDAS NO INTERIOR DO SISTEMA LITERÁRIO ESPANHOL. O PROCESSO LITERÁRIO ESPANHOL E A CONSTRUÇÃO DE PARADIGMAS E FORMAS LITERÁRIAS. APLICAÇÃO AO ENSINO E À PESQUISA. O SISTEMA DE AVALIAÇÃO SERÁ CONTÍNUO E DIVERSIFICADO, ESTANDO PREVISTAS APLICAÇÕES DE PROVAS ESCRITAS E/OU ORAIS; SEMINÁRIOS EM GRUPOS COM APRESENTAÇÃO ESCRITA E/OU ORAL. AO FINAL DE CADA SEMESTRE, HAVERÁ AUTO-AVALIAÇÃO DE ALUNOS E PROFESSOR PARA AVALIAR RESULTADO E PROCEDIMENTOS.

33 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LITERATURA ESPANHOLA LITERATURA ESPANHOLA III DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS ESTRANGEIRAS MODERNAS IDENTIFICAR A PERMANÊNCIA DE UMA ATITUDE DE EXTREMA VALORIZAÇÃO DO ARTIFÍCIO POÉTICO COMO CARACTERÍSTICA DO PROJETO CRIADOR ESPANHOL AO LONGO DE SUA HISTÓRIA. O PROJETO CRIADOR ESPANHOL E A TRADIÇÃO DO ARTIFÍCIO. APLICAÇÃO AO ENSINO E À PESQUISA. O SISTEMA DE AVALIAÇÃO SERÁ CONTÍNUO E DIVERSIFICADO, ESTANDO PREVISTAS APLICAÇÕES DE PROVAS ESCRITAS E/OU ORAIS; SEMINÁRIOS EM GRUPOS COM APRESENTAÇÃO ESCRITA E/OU ORAL. AO FINAL DE CADA SEMESTRE, HAVERÁ AUTO-AVALIAÇÃO DE ALUNOS E PROFESSOR PARA AVALIAR RESULTADO E PROCEDIMENTOS.

34 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LÍNGUA ESPANHOLA LÍNGUA ESPANHOLA VI DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS ESTRANGEIRAS MODERNAS 1- DISCUTIR E SISTEMATIZAR AS CARACTERÍSTICAS GRAMATICAIS E DE GÊNERO DISCURSIVO. / 2- REFLETIR CRITICAMENTE SOBRE ESSES TEMAS. / 3 - PERCEBER ESSE ESTUDO SOB A PERSPECTIVA DA APLICAÇÃO PEDAGÓGICA. OS FINS DISCURSIVOS E DOS PROCESSOS DE INTERPRETAÇÃO: A QUESTÃO DO SENTIDO E OS GÊNEROS DO DISCURSO E SUAS CARACTERÍSTICAS. ESTUDO FEITO SOB PERSPECTIVA CRÍTICA E COM VISTA A UMA APLICAÇÃO PEDAGÓGICA. O SISTEMA DE AVALIAÇÃO SERÁ CONTÍNUO E DIVERSIFICADO, ESTANDO PREVISTAS APLICAÇÕES DE PROVAS ESCRITAS E/OU ORAIS; SEMINÁRIOS EM GRUPOS COM APRESENTAÇÃO ESCRITA E/OU ORAL. AO FINAL DE CADA SEMESTRE, HAVERÁ AUTO-AVALIAÇÃO DE ALUNOS E PROFESSOR PARA AVALIAR RESULTADO E PROCEDIMENTOS.

35 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LÍNGUA ESPANHOLA LÍNGUA ESPANHOLA II DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS ESTRANGEIRAS MODERNAS 1- CONHECER A DIFERENÇA ENTRE DISCURSO ORAL E ESCRITO. / 2- IDENTIFICAR E CONHECER ASPECTOS GRAMATICAIS INERENTES AO TEXTO/DISCURSO DIALOGADO. / 3 - PERCEBER ESSE ESTUDO SOB A PERSPECTIVA DE APLICAÇÃO PEDAGÓGICA. ESTUDO DE ASPECTOS GRAMATICAIS QUE CONSTROEM O SENTIDO DO TEXTO/DISCURSO DIALOGADO EM ESPANHOL LÍNGUA ESTRANGEIRA FEITO SOB PERSPECTIVA QUE PRIVILEGIE UM POSICIONAMENTO CRÍTICO E COM VISTA A UMA APLICAÇÃO PEDAGÓGICA. O SISTEMA DE AVALIAÇÃO SERÁ CONTÍNUO E DIVERSIFICADO, ESTANDO PREVISTAS APLICAÇÕES DE PROVAS ESCRITAS E/OU ORAIS; SEMINÁRIOS EM GRUPOS COM APRESENTAÇÃO ESCRITA E/OU ORAL. AO FINAL DE CADA SEMESTRE, HAVERÁ AUTO-AVALIAÇÃO DE ALUNOS E PROFESSOR PARA AVALIAR RESULTADO E PROCEDIMENTOS.

36 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LÍNGUA ESPANHOLA LÍNGUA ESPANHOLA III DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS ESTRANGEIRAS MODERNAS 1- DEPREENSÃO DOS ASPECTOS CONSTITUTIVOS DO TEXTO DESCRITIVO E NARRATIVO. / 2- IDENTIFICAR E CONHECER ASPECTOS GRAMATICAIS INERENTES AO TEXTO/DISCURSO DESCRITIVO E NARRATIVO. 3 - PERCEBER ESSE ESTUDO SOB A PERSPECTIVA DE APLICAÇÃO PEDAGÓGICA. ESTUDO DE ASPECTOS GRAMATICAIS QUE CONSTROEM O SENTIDO DO TEXTO/DISCURSO DESCRITIVO E NARRATIVO EM ESPANHOL LÍNGUA ESTRANGEIRA FEITO SOB PERSPECTIVA QUE PRIVILEGIE UM POSICIONAMENTO CRÍTICO E COM VISTA A UMA APLICAÇÃO PEDAGÓGICA. O SISTEMA DE AVALIAÇÃO SERÁ CONTÍNUO E DIVERSIFICADO, ESTANDO PREVISTAS APLICAÇÕES DE PROVAS ESCRITAS E/OU ORAIS; SEMINÁRIOS EM GRUPOS COM APRESENTAÇÃO ESCRITA E/OU ORAL. AO FINAL DE CADA SEMESTRE, HAVERÁ AUTO-AVALIAÇÃO DE ALUNOS E PROFESSOR PARA AVALIAR RESULTADO E PROCEDIMENTOS.

37 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LÍNGUA ESPANHOLA LÍNGUA ESPANHOLA IV DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS ESTRANGEIRAS MODERNAS 1- DEPREENSÃO DOS ASPECTOS CONSTITUTIVOS DO TEXTOEXPLICATIVO E DISSERTATIVO. / 2- IDENTIFICAR E CONHECER ASPECTOS GRAMATICAIS INERENTES AO TEXTO/DISCURSO EXPLICATIVO E DISSERTATIVO. / 3 - PERCEBER ESSE ESTUDO SOB A PERSPECTIVA DE APLICAÇÃO PEDAGÓGICA. ESTUDO DE ASPECTOS GRAMATICAIS QUE CONSTROEM O SENTIDO DO TEXTO/DISCURSO EXPLICATIVO E DISSERTATIVO EM ESPANHOL LÍNGUA ESTRANGEIRA FEITO SOB PERSPECTIVA QUE PRIVILEGIE UM POSICIONAMENTO CRÍTICO E COM VISTA A UMA APLICAÇÃO PEDAGÓGICA. ESCRITAS E/OU ORAIS; SEMINÁRIOS EM GRUPOS COM APRESENTAÇÃO ESCRITA E/OU ORAL. AO FINAL DE CADA SEMESTRE, HAVERÁ AUTO-AVALIAÇÃO DE ALUNOS E PROFESSOR PARA AVALIAR RESULTADO E PROCEDIMENTOS.

38 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LÍNGUA ESPANHOLA LÍNGUA ESPANHOLA V DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS ESTRANGEIRAS MODERNAS 1- IDENTIFICAR AS PRINCIPAIS ESPECIFICIDADES LINGÜÍSTICAS NO CONFRONTO ENTRE PORTUGUÊS E O ESPANHOL. / 2- REFLETIR CRITICAMENTE SOBRE ESSES TEMAS. / 3 - PERCEBER ESSE ESTUDO SOB A PERSPECTIVA DA APLICAÇÃO PEDAGÓGICA. IDENTIFICAÇÃO DE MARCAS LINGÜÍSTICAS DIFERENCIAIS, ESTABELECIDAS NO CONFRONTO ENTRE A DISCURSIVIDADE BRASILEIRA E HISPÂNICA FEITA SOB PERSPECTIVA QUE PRIVILEGIE UM POSICIONAMENTO CRÍTICO E COM VISTA A UMA APLICAÇÃO PEDAGÓGICA O SISTEMA DE AVALIAÇÃO SERÁ CONTÍNUO E DIVERSIFICADO, ESTANDO PREVISTAS APLICAÇÕES DE PROVAS ESCRITAS E/OU ORAIS; SEMINÁRIOS EM GRUPOS COM APRESENTAÇÃO ESCRITA E/OU ORAL. AO FINAL DE CADA SEMESTRE, HAVERÁ AUTO-AVALIAÇÃO DE ALUNOS E PROFESSOR PARA AVALIAR RESULTADO E PROCEDIMENTOS.

39 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LÍNGUA ESPANHOLA LÍNGUA ESPANHOLA IX DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS ESTRANGEIRAS MODERNAS 1- APROXIMAR-SE DE UMA HISTÓRIA DA LÍNGUA ESPANHOLA BASEADA EM UM EIXO TEMÁTICO / 2- APRESENTAR E DISCUTIR AS NOÇÕES DE LÍNGUA, VARIEDADES, NORMA E PODER ESTUDO DA HISTÓRIA DA LÍNGUA ESPANHOLA, BASEADO EM UM EIXO TEMÁTICO QUE PRIVILEGIE A DISCUSSÃO DAS NOÇÕES DE LÍNGUA, VARIEDADES, NORMA E PODER, COM VISTA A UMA REFLEXÃO SOBRE ATIVIDADE PEDAGÓGICA. O SISTEMA DE AVALIAÇÃO SERÁ CONTÍNUO E DIVERSIFICADO, ESTANDO PREVISTAS APLICAÇÕES DE PROVAS ESCRITAS E/OU ORAIS; SEMINÁRIOS EM GRUPOS COM APRESENTAÇÃO ESCRITA E/OU ORAL. AO FINAL DE CADA

40 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO LÍNGUA ESPANHOLA LÍNGUA ESPANHOLA VIII DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: LETRAS ESTRANGEIRAS MODERNAS 1- REFLETIR SOBRE AS RELAÇÕES QUE SE ESTABELECEM ENTRE TEORIA LINGÜÍSTICA E AS PRÁTICAS ORAIS / 2- REFLETIR CRITICAMENTE SOBRE ESSES TEMAS / 3 - PERCEBER ESSE ESTUDO SOB A PERSPECTIVA DA APLICAÇÃO PEDAGÓGICA. PRÁTICAS AVANÇADAS E ENSINO DE ESPANHOL LÍNGUA ESTRANGEIRA COM FOCO NA ORALIDADE. RELAÇÕES ENTRE TEORIA LINGÜÍSTICA E AS PRÁTICAS DE ESCRITURA. O SISTEMA DE AVALIAÇÃO SERÁ CONTÍNUO E DIVERSIFICADO, ESTANDO PREVISTAS APLICAÇÕES DE PROVAS ESCRITAS E/OU ORAIS; SEMINÁRIOS EM GRUPOS COM APRESENTAÇÃO ESCRITA E/OU ORAL. AO FINAL DE CADA SEMESTRE, HAVERÁ AUTO-AVALIAÇÃO DE ALUNOS E PROFESSOR PARA AVALIAR RESULTADO E PROCEDIMENTOS.

41 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO ESTÁGIO SUPERVISIONADO PESQUISA E PRÁTICA DE ENSINO II DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: DEPARTAMENTO DE SOCIEDADE, EDUCAÇÃO E CONHECIMENTO CARGA HORÁRIA TOTAL: 100 TEÓRICA: 0 PRÁTICA: 100 ESTÁGIO: 1 - INVESTIGAR O ESPAÇO ESCOLAR: ORGANIZAÇÃO E FUNCIONAMENTO. 2 - REFLETIR E ANALISAR SOBRE AS PRÁTICAS PEDAGÓGICAS DOS PROFESSORES: CONTEÚDO, PLANEJAMENTO E AVALIAÇÃO. 3 - PESQUISAR SOBRE O PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO E O PLANEJAMENTO DIDÁTICO. INVESTIGAÇÃO, REFLEXÃO, ANÁLISE E ELABORAÇÃO DE PROJETOS E ATIVIDADES ESCOLARES. O PROFESSOR, A PESQUISA E O ENSINO: A ÉTICA E O COMPROMISSO SOCIAL DO PROFESSOR. O PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO E O PLANEJAMENTO DIDÁTICO LEITURA E DISCUSSÃO DE ARTIGOS E TEXTOS, DEBATES EM SALA DE AULA, SEMINÁRIOS, ATIVIDADES EM GRUPO, TRABALHO DE CAMPO, DESENVOLVIMENTO DE PESQUISA NAS ESCOLAS DE ENSINO BÁSICO.

42 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO ESTÁGIO SUPERVISIONADO PESQUISA E PRÁTICA DE ENSINO III DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: DEPARTAMENTO DE SOCIEDADE, EDUCAÇÃO E CONHECIMENTO CARGA HORÁRIA TOTAL: 100 TEÓRICA: 0 PRÁTICA: 100 ESTÁGIO: 1 - INVESTIGAR E ANALISAR AS PRÁTICAS ESCOLARES. 2 - PLANEJAR E EXECUTAR ATIVIDADES PEDAGÓGICAS DOCENTES. 3 - PARTICIPAR, EM COOPERAÇÃO, DAS ATIVIDADES RELATIVAS À DOCÊNCIA NAS ESCOLAS DE ENSINO BÁSICO. INVESTIGAÇÃO, REFLEXÃO, ANÁLISE, ELABORAÇÃO E EXECUÇÃO COMPARTILHADA DE ATIVIDADES E PROJETOS PEDAGÓGICOS. ATIVIDADES DOCENTES, PLURALIDADE E ABRANGÊNCIA. O CURRÍCULO VIVIDO: O PROFESSOR, OS ALUNOS, A SALA DE AULA, A ESCOLA E O LOCAL; O LIVRO DIDÁTICO; A INTERDISCIPLINARIDADE. LEITURA E DISCUSSÃO DE ARTIGOS E TEXTOS, DEBATES EM SALA DE AULA, SEMINÁRIOS, ATIVIDADES EM GRUPO, TRABALHO DE CAMPO, DESENVOLVIMENTO DE PESQUISA NAS ESCOLAS DE ENSINO BÁSICO.

43 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO ESTÁGIO SUPERVISIONADO PESQUISA E PRÁTICA DE ENSINO IV DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: DEPARTAMENTO DE SOCIEDADE, EDUCAÇÃO E CONHECIMENTO CARGA HORÁRIA TOTAL: 100 TEÓRICA: 0 PRÁTICA: 100 ESTÁGIO: 1 - INVESTIGAR E ANALISAR AS PRÁTICAS ESCOLARES. 2 - PLANEJAR E EXECUTAR ATIVIDADES PEDAGÓGICOAS DOCENTES. 3 - ELABORAR REALTÓRIO FINAL DE CARÁTER MONOGRÁFICO. ATIVIDADES DE PESQUISA, PLANEJAMENTO E EXECUÇÃO COMPARTILHADA DE ATIVIDADES PESAGÓGICAS E DOCENTES. RELATÓRIO FINAL DE CARÁTER MONOGRA FICO ESPECÍFICO DA LICENCIATURA. TRABALHO DE CAMPO, PLANEJAMENTO E EXECUÇÃO DE ATIVIDADES PEDAGÓGICAS DOCENTES, RELATÓRIO FINAL DE CARÁTER MONOGRÁFICO ESPECÍFICO DA LICENCIATURA.

44 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO POLÍTICA EDUCACIONAL E ORGANIZAÇÃO DA EDUCAÇÃO ORGANIZAÇÃO DA EDUCAÇÃO NO BRASIL DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: DEPARTAMENTO DE SOCIEDADE, EDUCAÇÃO E CONHECIMENTO CARGA HORÁRIA TOTAL: 60 TEÓRICA: 60 PRÁTICA: 0 ESTÁGIO: 1-COMPREENDER A ORGANIZAÇÃO DO ENSINO, TOMANDO COMO REFERÊNCIA ELEMENTOS DO PROCESSO HISTÓRICO DO BRASIL EM SUAS MÚLTIPLAS DETERMINAÇÕES. 2 - COMPREENDER A PROBLEMÁTICA DO ENSINO MÉDIO E DA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL EM SUAS ARTICULAÇÕES COM O ENSINO FUNDAMENTAL E A EDUCAÇÃO SUPERIOR. 3 - DESENVOLVER A ANÁLISE E A ARGUMENTAÇÃO FUNDAMENTADAS SOBRE A PROBLEMÁTICA EDUCACIONAL A RELAÇÃO EDUCAÇÃO E SOCIEDADE, POLÍTICAS PÚBLICAS E EDUCAÇÃO. O SISTEMA EDUCACIONAL BRASILEIRO E SEUS DETERMINANTES HISTÓRICOS. A EDUCAÇÃO BÁSICA E SUPERIOR EM SEUS ASPECTOS FILOSÓFICOS, POLÍTICOS, NORMATIVOS E TÉCNICO-PEDAGÓGICOS. O ENSINO MÉDIO: SUA RELAÇÃO COM O ENSINO FUNDAMENTAL E SUPERIOR E COM O TRABALHO. A FORMAÇÃO PROFISSIONAL EM NÍVEL SUPERIOR: LICENCIATURA E BAARELADO. A CONSTRUÇÃO DA ESCOLA PÚBLICA: DIRETRIZES, ORGANIZAÇÃO E GESTÃO. LEITURA E DISCUSSÃO DE ARTIGOS, TEXTOS; ANÁLISE DE DOCUMENTOS; DEBATES EM SALA DE AULA; SEMINÁRIOS; AVALIAÇÃO ESCRITA.

45 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO DIDÁTICA DIDÁTICA DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: DEPARTAMENTO DE SOCIEDADE, EDUCAÇÃO E CONHECIMENTO CARGA HORÁRIA TOTAL: 60 TEÓRICA: 60 PRÁTICA: 0 ESTÁGIO: 1-CONTRIBUIR PARA A FORMAÇÃO DE EDUCADORES CRÍTICOS, SENSÍVEIS E COMPETENTES, INTEGRANDO A CONSICÊNCIA POLÍTICA, A DIMENSÃO HUMANÍSTICA E A FUNDAMENTAÇÃO CIENTÍFICA. 2 - INVESTIGAR O PROCESSO DE CONSTRUÇÃO DO FAZER-SABER PEDAGÓGICO, EM UMA PERSPECTIVA HISTÓRICA. 3 - REFLETIR DIALETICAMENTE SOBRE A PROBLEMÁTICA EDUCAÇÃO, ESCOLA E SOCIEDADE BRASILEIRA, IDENTIFICANDO DESAFIOS E PERSPECTIVAS ATUAIS. OS SABERES, A PEDAGOGIA E A DIDÁTICA COMO PRODUÇÕES SÓCIO-HISTÓRICAS E POLÍTICO-FILOSÓFICAS. AS MÚLTIPLAS PRODUÇÕES DE CONHECIMENTOS PEDAGÓGICOS CRÍTICOS NO MUNDO MODERNO E CONTEMPORÂNEO. O PLANEJAMENTO EDUCACIONAL COMO POLÍTICA DE PRODUÇÃO DE FAZERES-SABERES CRÍTICOS, REFLEXIVOS E INCLUDENTES NO E DO COTIDIANO PEDAGÓGICO. CULTURAS, IDENTIDADES E SABER E DOCENTES. SOCIALIZAÇÃO DE EXPERIÊNCIAS, LEITURA DE ARTIGOS E TEXTOS; ANÁLISE DE DOCUMENTOS; VISITAS; DISCUSSÃO EM SALA DE AULA; DEBATES SOBRE FILMES; AULA DE SISTEMATIZAÇÃO, INTEGRAÇÃO E ARTICULAÇÃO DE CONTEÚDOS; OFICINAS, ATIVIDADE EM GRUPO: DISCUSSÃO E ELABORAÇÃO DE PAINÉIS SOBRE AS TEMÁTICAS DO CURSO.

46 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO ESTÁGIO SUPERVISIONADO PESQUISA E PRÁTICA DE ENSINO I DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: DEPARTAMENTO DE SOCIEDADE, EDUCAÇÃO E CONHECIMENTO CARGA HORÁRIA TOTAL: 100 TEÓRICA: 0 PRÁTICA: 100 ESTÁGIO: 1 - INVESTIGAR AS AÇÕES DE CUNHO TEÓRICO-PRÁTICO, FUNDAMENTADAS NA PESQUISA DAS PRÁTICAS ESCOLARES. 2 - REFLETIR E ANALISAR OS CONHECIMENTOS PRODUZIDOS SOBRE O ENSINO DA DISCIPLINA. 3 - PLANEJAR E ELABORAR PROJETO DE ESTÁGIO PARA A ESCOLA DE ENSINO BÁSICO. O CONCEITO DE DISCIPLINA ESCOLAR: AS CONSTRUÇÃO HISTÓRICA E SEU PAPEL NO CURRÍCULO ATUAL. A PROBLEMÁTICA DO CONTEÚDO: O QUE SE ENSINA? PARA QUÊ? PRODUÇÕES DE CONHECIMENTO, SABER ESCOLAR E METODOLOGIA DE ENSINO. OS DIVERSOS TIPOS DE MATERIAIS DIDÁTICOS, AS NOVAS TECNOLOGIAS E O LIVRO ESCOLAR: SELEÇÃO E CRÍTICA. A PROBLEMÁTICA DA AVALIAÇÃO ESCOLAR. ELABORAÇÃO DE PROJETO DE ESTÁGIO. LEITURA E DISCUSSÃO DE ARTIGOS E TEXTOS, DEBATES EM SALA DE AULA, SEMINÁRIOS, ATIVIDADES EM GRUPO, TRABALHO DE CAMPO, DESENVOLVIMENTO DE PESQUISA NAS ESCOLAS DE ENSINO BÁSICO.

47 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO ATIVIDADE ACADÊMICA CURRICULAR INICIAÇÃO À PESQUISA CIENTÍFICA EM LÍNGUA E LITERATURA DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: COORDENAÇÃO CARGA HORÁRIA TOTAL: 200 TEÓRICA: 0 PRÁTICA: 200 ESTÁGIO: DISCIPLINA: AAC LEVAR O ALUNO A DESNVOLVER A APTIDÃO PARA A PESQUISA CIENTÍFICA NA ÁREA DE LÍNGUA E LITERATURA. PARTICIPAÇÃO EM PROJETO DE INICIAÇÃO À PESQUISA CIENTÍFICA REGISTRADO NA UFF. AVALIAÇÃO ESTABELECIDA PELO PROJETO.

48 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO ELETIVA 1 ELETIVA DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: ELETIVA CARGA HORÁRIA TOTAL: 60 TEÓRICA: 60 PRÁTICA: 0 ESTÁGIO: DISCIPLINA: ELETIVA N/A N/A N/A

49 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: DEPARTAMENTO DE FUNDAMENTOS PEDAGÓGICOS CARGA HORÁRIA TOTAL: 60 TEÓRICA: 60 PRÁTICA: 0 ESTÁGIO: COMPOR O QUADRO DAS DISCIPLINAS OBRIGATÓRIAS DO CURSO DE BASE COMUM DAS LICENCIATURAS. O SABER PSICOLÓGICO E SUAS PRINCIPAIS VERTENTES. ESPECIFICIDADES DA RELAÇÃO ENTRE PSICOLOGIA E EDUCAÇÃO. A CONSTRUÇÃO DO PROCESSO DE CONHECIMENTO NO DECORRER DO DESENVOLVIMENTO. A INTERLIGAÇÃO ENTRE APRENDIZAGEM E DESENVOLVIMENTO EM FACE AO CONTEXTO ESCOLAR. A RELAÇÃO PROFESSOR-ALUNO A PARTIR DE CONTRIBUIÇÃO DAS PERSPECTIVAS INTERACIONISTAS EM SUAS VERTENTES CONSTRUTIVISTA E SÓCIO-HISTÓRICA, BEM COMO ASPECTOS DA DINÂMINA EMOCIONAL. ADOLESCÊNCIA COMO CONCEITO MULTIDIMENSIONAL, ENVOLVENDO ASPECTOS HISTÓRICOS, SOCIAIS, CULTURAIS E PSICOLÓGICOS. DESAFIOS CONTEMPORÂNEOS NA EDUCAÇÃO DE JOVENS. PROVAS, TESTES E SEMINÁRIOS.

50 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO ATIVIDADE ACADÊMICA CURRICULAR ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: COORDENAÇÃO CARGA HORÁRIA TOTAL: 100 TEÓRICA: 0 PRÁTICA: 100 ESTÁGIO: DISCIPLINA: AAC LEVAR O ALUNO AO APRIMORAMENTO DISCENTE COM VISTAS À PREPARAÇÃO PROFISSIONAL. PARTICIPAÇÃO EM ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO EM INSTITUIÇÕES CONVENIADAS COM A UFF NAS GRANDES ÁREAS DE LINGÜÍSTICA, LETRAS E ARTES E NA ÁREA DE EDUCAÇÃO APRESENTAÇÃO DE COMPROVANTE OFICIAL DE PARTICIPAÇÃO AVALIADO PELO PROFESSOR-ORIENTADOR

51 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO ATIVIDADE ACADÊMICA CURRICULAR VIVÊNCIA PROFISSIONAL NÃO DOCENTE DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: COORDENAÇÃO CARGA HORÁRIA TOTAL: 100 TEÓRICA: 0 PRÁTICA: 100 ESTÁGIO: DISCIPLINA: AAC LEVAR O ALUNO AO APRIMORAMENTO PROFISSIONAL EM ÁREA COMPATÍVEL AO CURSO DE LETRAS. VIVÊNCIA PROFISSIONAL EM ÁREA COMPATÍVEL AO CURSO DE LETRAS. APRESENTAÇÃO DE COMPROVANTE DA VIVÊNCIA PROFISSIONAL (CARTEIRA DE TRABALHO OU CONTRATO DE TRABALHO DE PESSOA JURÍDICA), AVALIADO PELO PROFESSOR-ORIENTADOR

52 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO ATIVIDADE ACADÊMICA CURRICULAR MONOGRAFIA DE CONCLUSÃO DE CURSO - LETRAS DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: COORDENAÇÃO CARGA HORÁRIA TOTAL: 100 TEÓRICA: 0 PRÁTICA: 100 ESTÁGIO: DISCIPLINA: AAC LEVAR O ALUNO À PRODUÇÃO DE CONHECIMENTO ATRAVÉS DE PESQUISA NA ÁREA DE LETRAS. REALIZAÇÃO DE MONOGRAFIA DE CONCLUSÃO DE CURSO EM LÍNGUA OU LITERATURA. ORIENTAÇÃO E AVALIAÇÃO DE MONOGRAFIA DE CONCLUSÃO DE CURSO PELO PROFESSOR-ORIENTADOR

53 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO ATIVIDADE ACADÊMICA CURRICULAR MONITORIA EM LÍNGUA E LITERATURA DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: COORDENAÇÃO CARGA HORÁRIA TOTAL: 200 TEÓRICA: 0 PRÁTICA: 200 ESTÁGIO: DISCIPLINA: AAC LEVAR O ALUNO A DESENVOLVER ATIVIDADES DE CONSTRUÇÃO E APROPRIAÇÇÃO DE CONHECIMENTO PARA PLANEJAR, IMPLEMENTAR E AVALIAR SITUAÇÕES DIDÁTICAS E DE CONHECIMENTO DAS PRÁTICAS DOCENTES- DISCENTES E DAS FORMAS DE INTERVENÇÃO PROFISSIONAL PARTICIPAÇÃO EM PROGRAMA DE MONITORIA REGISTRADO NA UFF. AVALIAÇÃO ESTABELECIDA PELO PROJETO.

54 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO ATIVIDADE ACADÊMICA CURRICULAR INICIAÇÃO À DOCÊNCIA EM LÍNGUA E LITERATURA DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: COORDENAÇÃO CARGA HORÁRIA TOTAL: 200 TEÓRICA: 0 PRÁTICA: 200 ESTÁGIO: DISCIPLINA: AAC LEVAR O ALUNO A DESENVOLVER ATIVIDADES DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA EM LÍNGUA E LITERATURA. PARTICIPAÇÃO EM PROGRAMA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA REGISTRADO NA UFF OU APROVADO PELO COLEGIADO DO CURSO AVALIAÇÃO ESTABELECIDA PELO PROGRAMA E REVALIDADA PELO PROFESSOR-ORIENTADOR

55 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO ATIVIDADE ACADÊMICA CURRICULAR INICIAÇÃO À EXTENSÃO DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: COORDENAÇÃO CARGA HORÁRIA TOTAL: 0 TEÓRICA: 0 PRÁTICA: 0 ESTÁGIO: DISCIPLINA: AAC LEVAR O ALUNO A DESENVOLVER ATIVIDADES DE INICIAÇÃO À EXTENSÃO. PARTICIPAÇÃO EM PROGRAMA DE INICIAÇÃO À EXTENSÃO REGISTRTADO NA PROEX-UFF. ACOMPANHAMENTO E AVALIAÇÃO ESTABELECIDAS PELO PROGRAMA E REVALIDADA PELO PROFESSOR-ORIENTADOR

56 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO ATIVIDADE ACADÊMICA CURRICULAR PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: COORDENAÇÃO CARGA HORÁRIA TOTAL: 0 TEÓRICA: 0 PRÁTICA: 0 ESTÁGIO: DISCIPLINA: AAC LEVAR O ALUNO A PARTICIPAR DE EVENTOS QUE CONTRIBUAM PARA SUA FORMAÇÃO ACADÊMICA. PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS - CURSOS, CONGRESSOS, SEMINÁRIOS,,COLÓQUIOS, ETC - NAS GRANDES ÁREAS DE LINGÜÍSTICA, LETRAS E ARTES, CIÊNCIAS HUMANAS E CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS RECOMENDADAS PELO PROFESSOR-ORIENTADOR E APROVADAS PELO COLEGIADO DO CURSO APRESENTAÇÃO DE COMPROVAÇÃO OFICIAL DE PARTICIPAÇÃO AVALIADO PELO PROFESSOR-ORIENTADOR

57 IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO AC ATIVIDADES COMPLEMENTARES DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: COORDENAÇÃO CARGA HORÁRIA TOTAL: 200 TEÓRICA: 0 PRÁTICA: 200 ESTÁGIO: DISCIPLINA: AAC LEVAR O ALUNO A PARTICIPAR DE EVENTOS QUE CONTRIBUAM PARA SUA FORMAÇÃO ACADÊMICA. PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS - CURSOS, CONGRESSOS, SEMINÁRIOS,,COLÓQUIOS, ETC - NAS GRANDES ÁREAS DE LINGÜÍSTICA, LETRAS E ARTES, CIÊNCIAS HUMANAS E CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS RECOMENDADAS PELO PROFESSOR-ORIENTADOR E APROVADAS PELO COLEGIADO DO CURSO APRESENTAÇÃO DE COMPROVAÇÃO OFICIAL DE PARTICIPAÇÃO AVALIADO PELO PROFESSOR-ORIENTADOR

FORMULÁRIO Nº 13 ESPECIFICAÇÃO DA DISCIPLINA

FORMULÁRIO Nº 13 ESPECIFICAÇÃO DA DISCIPLINA IA DE APOIO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO AC ATIVIDADES COMPLEMENTARES DEPARTAMENTO DE EXECUÇÃO: COORDENAÇÃO CARGA HORÁRIA TOTAL: 200 TEÓRICA: 0 PRÁTICA: 200 ESTÁGIO: DISCIPLINA: AAC LEVAR O ALUNO A PARTICIPAR

Leia mais

EMENTAS Departamento de Letras Estrangeiras UNIDADE CURRICULAR DE LÍNGUA E LITERATURA ITALIANA

EMENTAS Departamento de Letras Estrangeiras UNIDADE CURRICULAR DE LÍNGUA E LITERATURA ITALIANA EMENTAS Departamento de Letras Estrangeiras UNIDADE CURRICULAR DE LÍNGUA E LITERATURA ITALIANA Italiano I: Língua e Cultura - Introdução às situações prático-discursivas da língua italiana mediante o uso

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO E PESQUISA RESOLUÇÃO N.º 3.588, DE 04 DE SETEMBRO DE 2007

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO E PESQUISA RESOLUÇÃO N.º 3.588, DE 04 DE SETEMBRO DE 2007 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO E PESQUISA RESOLUÇÃO N.º 3.588, DE 04 DE SETEMBRO DE 2007 Homologa o Parecer nº 034/07-CEG, que aprova o Projeto Político

Leia mais

CURSO DE GRADUAÇÃO EM LETRAS PORTUGUÊS E ESPANHOL

CURSO DE GRADUAÇÃO EM LETRAS PORTUGUÊS E ESPANHOL CURSO DE GRADUAÇÃO EM LETRAS PORTUGUÊS E ESPANHOL MATRIZ CURRICULAR NOTURNO Fase Nº. Ordem Código COMPONENTE CURRICULAR Créditos Horas 1. Leitura e produção textual I 4 60 2. Introdução a informática 4

Leia mais

Artigo 2 - O Curso de Letras habilitará o aluno em Português e uma Língua Estrangeira e suas respectivas literaturas.

Artigo 2 - O Curso de Letras habilitará o aluno em Português e uma Língua Estrangeira e suas respectivas literaturas. Resolução Unesp-41, de 12-7-2007 Publicada no D.O.E. de 13/07/2007 - Seção I pag 53 (Alterada pela Resolução UNESP 20 de 31-3-2009 Publicada no D.O.E. de 01/04/2009, Seção I, página 42 e Resolução UNESP

Leia mais

EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE LETRAS-IRATI (Currículo iniciado em 2009) LETRAS-PORTUGUÊS

EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE LETRAS-IRATI (Currículo iniciado em 2009) LETRAS-PORTUGUÊS EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE LETRAS-IRATI (Currículo iniciado em 2009) LETRAS-PORTUGUÊS DIDÁTICA 0545/I C/H 68 A didática e o ensino de línguas. O planejamento e a avaliação escolar no processo

Leia mais

CURSO À DISTÂNCIA DE LICENCIATURA EM LETRAS PORTUGUÊS/ESPANHOL E RESPECTIVAS LITERATURAS

CURSO À DISTÂNCIA DE LICENCIATURA EM LETRAS PORTUGUÊS/ESPANHOL E RESPECTIVAS LITERATURAS CURSO À DISTÂNCIA DE LICENCIATURA EM LETRAS PORTUGUÊS/ESPANHOL E RESPECTIVAS LITERATURAS Autorizado pela Resolução CEPE n.º 041, de 27.03.07. Para completar o currículo pleno do curso superior de graduação

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM LETRAS PORTUGUÊS E ESPANHOL - LICENCIATURA

MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM LETRAS PORTUGUÊS E ESPANHOL - LICENCIATURA MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM LETRAS PORTUGUÊS E ESPANHOL - LICENCIATURA Campus de Chapecó Turno Noturno Fase Nº. Ordem Código COMPONENTE CURRICULAR Créditos Horas Pré Requisito 1. GLA001

Leia mais

HORÁRIO DO CURSO DE LETRAS PERÍODOS DIURNO E NOTURNO ANO LETIVO DE º ANO/1º SEMESTRE

HORÁRIO DO CURSO DE LETRAS PERÍODOS DIURNO E NOTURNO ANO LETIVO DE º ANO/1º SEMESTRE HORÁRIO DO CURSO DE LETRAS PERÍODOS DIURNO E NOTURNO ANO LETIVO DE 2014 1º ANO/1º SEMESTRE 2 aulas) Observação: Leitura e Produção de Textos I * * (LNG1050) Habilidades Básicas Integradas do Inglês: Produção

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM LETRAS PORTUGUÊS E ESPANHOL - LICENCIATURA

MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM LETRAS PORTUGUÊS E ESPANHOL - LICENCIATURA MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM LETRAS PORTUGUÊS E ESPANHOL - LICENCIATURA Campus de Realeza Turno Noturno Fase Nº. Ordem Código COMPONENTE CURRICULAR Créditos Horas Pré Requisito 1. GLA001

Leia mais

PROPOSTA CURSO DE LETRAS HORÁRIO 2017

PROPOSTA CURSO DE LETRAS HORÁRIO 2017 CURSO DE LETRAS 1 ANO - 1º SEMESTRE - PERÍODO DIURNO E NOTURNO Estudos Literários I LTE5028 Variação e Mudança Linguísticas LNG5027 Língua Alemã I *LEM5108 Introdução à Língua Italiana: noções gerais *LEM5152

Leia mais

Letras Língua Portuguesa

Letras Língua Portuguesa Letras Língua Portuguesa 1º Semestre Significação e Contexto LE0002/ 60h Ementa: Estuda os processos semânticos e analisa a relação do significado com o contexto, considerando as abordagens da semântica,

Leia mais

6LET062 LINGUAGEM E SEUS USOS A linguagem verbal como forma de circulação de conhecimentos. Normatividade e usos da linguagem.

6LET062 LINGUAGEM E SEUS USOS A linguagem verbal como forma de circulação de conhecimentos. Normatividade e usos da linguagem. HABILITAÇÃO: BACHARELADO EM ESTUDOS LITERÁRIOS 1ª Série 6LET063 LINGUAGEM COMO MANIFESTAÇÃO ARTÍSTICA Linguagem como manifestação artística, considerando os procedimentos sócio-históricos e culturais.

Leia mais

EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE LETRAS-PORTUGUÊS - IRATI (Currículo iniciado em 2015)

EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE LETRAS-PORTUGUÊS - IRATI (Currículo iniciado em 2015) EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE LETRAS-PORTUGUÊS - IRATI (Currículo iniciado em 2015) ANÁLISE DO DISCURSO 68 h/a 1753/I Vertentes da Análise do Discurso. Discurso e efeito de sentido. Condições de

Leia mais

Letras Língua Portuguesa

Letras Língua Portuguesa Letras Língua Portuguesa 1º Semestre Disciplina: Introdução aos Estudos Literários Ementa: Estudo crítico das noções de literatura. Revisão das categorias tradicionais de gêneros literários e estudo dos

Leia mais

6LEM064 GRAMÁTICA DA LÍNGUA ESPANHOLA I Estudo de aspectos fonético-fonológicos e ortográficos e das estruturas morfossintáticas da língua espanhola.

6LEM064 GRAMÁTICA DA LÍNGUA ESPANHOLA I Estudo de aspectos fonético-fonológicos e ortográficos e das estruturas morfossintáticas da língua espanhola. HABILITAÇÃO: LICENCIATURA EM LÍNGUA ESPANHOLA 1ª Série 6LEM064 GRAMÁTICA DA LÍNGUA ESPANHOLA I Estudo de aspectos fonético-fonológicos e ortográficos e das estruturas morfossintáticas da língua espanhola.

Leia mais

Letras Língua Espanhola

Letras Língua Espanhola Letras Língua Espanhola 1º Semestre Disciplina: Introdução aos Estudos Literários Ementa: Estudo crítico das noções de literatura. Revisão das categorias tradicionais de gêneros literários e estudo dos

Leia mais

CURSO: PEDAGOGIA EMENTAS º PERÍODO

CURSO: PEDAGOGIA EMENTAS º PERÍODO CURSO: PEDAGOGIA EMENTAS - 2016.1 1º PERÍODO DISCIPLINA: HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO Estudo da história geral da Educação e da Pedagogia, enfatizando a educação brasileira. Políticas ao longo da história engendradas

Leia mais

LICENCIATURA EM LÍNGUA PORTUGUESA E RESPECTIVAS LITERATURAS

LICENCIATURA EM LÍNGUA PORTUGUESA E RESPECTIVAS LITERATURAS LICENCIATURA EM LÍNGUA PORTUGUESA E RESPECTIVAS LITERATURAS Curso 1/20H Ingresso a partir de 2011/1 Fundamentos dos Estudos Literários Codicred: 12224-04 NÍVEL I Ementa: Funções da literatura. Discurso

Leia mais

DISCIPLINA DE LITERATURA OBJETIVOS: 1ª Série

DISCIPLINA DE LITERATURA OBJETIVOS: 1ª Série DISCIPLINA DE LITERATURA OBJETIVOS: 1ª Série Possibilitar reflexões de cunho histórico-cultural por meio da literatura, entendendo o processo de formação desta no Brasil e no ocidente. Explorar variedades

Leia mais

1 de 6 15/02/ :44

1 de 6 15/02/ :44 UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO DE S ACADÊMICAS Portal do Discente EMITIDO EM 15/02/2013 13:44 DADOS DA ESTRUTURA CURRICULAR Código: 01A LETRAS - NATAL - Presencial

Leia mais

1º ano LINGUAGEM E INTERAÇÃO

1º ano LINGUAGEM E INTERAÇÃO A escrita com instrumento de interação social Opiniões e pontos de vista sobre as diferentes manifestações da linguagem verbal Unidade 4 - capítulo 12, 13 e 14 Palavras: emprego e valor semânticodiscursivo;

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO Data: 02/02/2016 Currículo de Cursos Hora: 10:11:47

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO Data: 02/02/2016 Currículo de Cursos Hora: 10:11:47 UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO Data: 02/02/2016 Currículo de Cursos Hora: 10:11:47 Curso: Licenciatura Dupla em Português e Espanhol Nível: Ensino Superior Grau Conferido: Licenciado em Lingua

Leia mais

5. Objetivo geral (prever a contribuição da disciplina em termos de conhecimento, habilidades e atitudes para a formação do aluno)

5. Objetivo geral (prever a contribuição da disciplina em termos de conhecimento, habilidades e atitudes para a formação do aluno) ANEXO I UNIVERSIDADE DA REGIÃO DE JOINVILLE UNIVILLE COLÉGIO DA UNIVILLE PLANEJAMENTO DE ENSINO E APRENDIZAGEM 1. Curso: Missão do Colégio: Promover o desenvolvimento do cidadão e, na sua ação educativa,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO. Relatório Perfil Curricular

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO. Relatório Perfil Curricular PERÍODO: 1º LE733- COMPREENSÃO E PRODUÇÃO DE TEXTO EM LÍNGUA PORTUGUESA OBRIG 60 0 60 4.0 Fórmula: LE003 LE003- LINGUA PORTUGUESA 3 LEITURA E PRODUÇÃO DE TEXTOS. ANÁLISE DE ESTRUTURAS BÁSICAS DA LÍNGUA

Leia mais

CONTEÚDO ESPECÍFICO DA PROVA DA ÁREA DE LETRAS GERAL PORTARIA Nº 258, DE 2 DE JUNHO DE 2014

CONTEÚDO ESPECÍFICO DA PROVA DA ÁREA DE LETRAS GERAL PORTARIA Nº 258, DE 2 DE JUNHO DE 2014 CONTEÚDO ESPECÍFICO DA PROVA DA ÁREA DE LETRAS GERAL PORTARIA Nº 258, DE 2 DE JUNHO DE 2014 O Presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), no uso de suas

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR - UFF

MATRIZ CURRICULAR - UFF Curso: LETRAS Titulação: LICENCIADO Habilitação: PORT-LITERATURAS Enfâse: - Linha de Formação: - Currículo: 87.01.001 Versão: 2 Turno: (OB) Carga horária obrigatória: 2515 (O) Carga horária optativa: 120

Leia mais

Letras Língua Portuguesa SEMINÁRIO INTERDISCIPLINAR DE PESQUISA I LE0007, 45H ESTUDOS FILOSÓFICOS GRUPO DE ESTUDOS CI0001, 30H

Letras Língua Portuguesa SEMINÁRIO INTERDISCIPLINAR DE PESQUISA I LE0007, 45H ESTUDOS FILOSÓFICOS GRUPO DE ESTUDOS CI0001, 30H Letras Língua Portuguesa 1º SEMESTRE SEMINÁRIO INTERDISCIPLINAR DE PESQUISA I LE0007, 45H ESTUDOS FILOSÓFICOS GRUPO DE ESTUDOS CI0001, 30H EMENTA: Reflete sobre o desenvolvimento das correntes filosóficas

Leia mais

LICENCIATURA EM PORTUGUÊS-ITALIANO

LICENCIATURA EM PORTUGUÊS-ITALIANO Período Carga horária EIATURA EM PORTUGUÊS-ITALIANO Créditos Pré-requisito Código Nomenclatura Grupo Integralização 1º 030 02 030 02 fonética 030 02 Introdução s estudos literários 030 02 Seminário de

Leia mais

DISCIPLINAS DE FORMAÇÃO BÁSICA GERAL

DISCIPLINAS DE FORMAÇÃO BÁSICA GERAL CURSO DE LICENCIATURA EM LETRAS PORTUGUÊS/ESPANHOL E RESPECTIVAS LITERATURAS Turno: VESPERTINO/NOTURNO Vespertino Currículo nº 2 Noturno Currículo nº 2 Até 2014 Reconhecido pelo Decreto Est. n. 3.752,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO Data: 02/02/2016 Currículo de Cursos Hora: 10:05:33

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO Data: 02/02/2016 Currículo de Cursos Hora: 10:05:33 UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO Data: 02/02/2016 Currículo de Cursos Hora: 10:05:33 Curso: Lic. em Lingua Port. e Literat. de Lingua Port. - Noturno Nível: Ensino Superior Grau Conferido: Licenciado

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR. Os Eixos Temáticos que organizam os Componentes Curriculares são:

MATRIZ CURRICULAR. Os Eixos Temáticos que organizam os Componentes Curriculares são: MATRIZ CURRICULAR Os Eixos Temáticos que organizam os Componentes Curriculares são: EIXO TEMÁTICO I: Compreendendo os Diferentes Usos de Linguagens EIXO TEMÁTICO II: Compreendendo e Refletindo a Teoria:

Leia mais

CURSO DE LICENCIATURA EM LETRAS PORTUGUÊS/FRANCÊS E RESPECTIVAS

CURSO DE LICENCIATURA EM LETRAS PORTUGUÊS/FRANCÊS E RESPECTIVAS CURSO DE LICENCIATURA EM LETRAS PORTUGUÊS/FRANCÊS E RESPECTIVAS LITERATURAS Turno: NOTURNO Currículo nº 2 Reconhecido pelo Decreto Federal nº 32.242, de 10.02.53, D. O.U. nº42 de 20.02.53. Renovação de

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO Data: 02/02/2016 Currículo de Cursos Hora: 10:31:58

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO Data: 02/02/2016 Currículo de Cursos Hora: 10:31:58 UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO Data: 02/02/2016 Currículo de Cursos Hora: 10:31:58 Curso: Licenciatura Dupla em Português e Italiano Nível: Ensino Superior Grau Conferido: Licenciado em Língua

Leia mais

Av. Gen. Carlos Cavalcanti, CEP Tel. 0** (42) Ponta Grossa Pr. -

Av. Gen. Carlos Cavalcanti, CEP Tel. 0** (42) Ponta Grossa Pr. - CURSO DE LICENCIATURA EM LETRAS PORTUGUÊS/ESPANHOL E RESPECTIVAS LITERATURAS Turno: VESPERTINO/NOTURNO Reconhecido pelo Decreto Estadual n. 3.752, de 20.03.01, publicado no D.O.E. de 21.03.01. Para completar

Leia mais

Pedagogia. 1º Semestre. Biologia Educacional EDC602/ 60h

Pedagogia. 1º Semestre. Biologia Educacional EDC602/ 60h Pedagogia 1º Semestre Biologia Educacional EDC602/ 60h Ementa: Identificar os processos biológicos fundamentais diretamente relacionados à situação ensino-aprendizagem. Análise dos fatores genéticos e

Leia mais

Letras Língua Inglesa

Letras Língua Inglesa Letras Língua Inglesa 1 semestre Núcleo de estudos interdisciplinares I 45h Ementa: Estuda os procedimentos envolvidos na realização de uma pesquisa cientifica. Desenvolve habilidade de produção de fichamento,

Leia mais

CURRÍCULO DO CURSO. Mínimo: 8 semestres. Prof. Celso Henrique Soufen Tumolo

CURRÍCULO DO CURSO. Mínimo: 8 semestres. Prof. Celso Henrique Soufen Tumolo Documentação: Objetivo: Titulação: Diplomado em: Resolução n. 005/CEG/2009, de 25/03/2009 Portaria Normativa n. 40/2007/MEC, exclusiva para registro do diploma Habilitar professores para o pleno exercício

Leia mais

4ºSEMESTRE 3ºSEMESTRE CH 375 CRED 21 SINTAXE I SINTAXE II. DELL h (4.0.0) DELL 749 DELL h (4.0.0) 60h (4.0.0)

4ºSEMESTRE 3ºSEMESTRE CH 375 CRED 21 SINTAXE I SINTAXE II. DELL h (4.0.0) DELL 749 DELL h (4.0.0) 60h (4.0.0) UESB 1ºSEMESTRE 2ºSEMESTRE 3ºSEMESTRE 4ºSEMESTRE 5ºSEMESTRE 6ºSEMESTRE 7ºSEMESTRE 8ºSEMESTRE CURSO DE LETRAS VERNÁCULAS Português e respectivas Literaturas (Licenciatura) Reconhecido Port. Ministerialnº

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO

UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO LICENCIATURA EM LÍNGUA PORTUGUESA EDU236 Fundamentos da Educação: Sociologia - 30 36 2 0 3º EDU237 Fundamentos da Educação: Filosofia - 30 36 2 0 3º LET812 Estudos de Leitura - 60 72 2 2 3º LET872 Teoria

Leia mais

5. Objetivo geral (prever a contribuição da disciplina em termos de conhecimento, habilidades e atitudes para a formação do aluno)

5. Objetivo geral (prever a contribuição da disciplina em termos de conhecimento, habilidades e atitudes para a formação do aluno) ANEXO I UNIVERSIDADE DA REGIÃO DE JOINVILLE UNIVILLE COLÉGIO DA UNIVILLE PLANEJAMENTO DE ENSINO E APRENDIZAGEM 1. Curso: Missão do Colégio: Promover o desenvolvimento do cidadão e, na sua ação educativa,

Leia mais

PLANO DE ENSINO DADOS DO COMPONENTE CURRICULAR Nome do COMPONENTE CURRICULAR: Língua Portuguesa e Literatura Brasileira EMENTA

PLANO DE ENSINO DADOS DO COMPONENTE CURRICULAR Nome do COMPONENTE CURRICULAR: Língua Portuguesa e Literatura Brasileira EMENTA 53 14 PLANOS DE DISCIPLINAS PLANO DE ENSINO DADOS DO COMPONENTE CURRICULAR Nome do COMPONENTE CURRICULAR: Língua Portuguesa e Literatura Brasileira Curso: Técnico em Agroindústria Integrado ao Ensino Médio

Leia mais

UFBA - Universidade Federal da Bahia - Sistema Acadêmico R Grade Curricular (Curso) 09/12/ :22. Letras

UFBA - Universidade Federal da Bahia - Sistema Acadêmico R Grade Curricular (Curso) 09/12/ :22. Letras Curso: Letras 402203 Área: Letras Currículo: 2009-2 Turno: Diurno Duração em anos: Mínima 3,5 Média 5 Máxima 7 Titulação: Licenciado em Letras Habilitação: Letras Vernáculas e Italiano-Licenciatura Base

Leia mais

6LET012 LINGÜÍSTICA II Introdução à teoria sintática funcionalista. Categorias gramaticais e relações

6LET012 LINGÜÍSTICA II Introdução à teoria sintática funcionalista. Categorias gramaticais e relações HABILITAÇÃO: LICENCIATURA EM LÍNGUA ESPANHOLA 1ª Série 6LEM008 LÍNGUA ESPANHOLA I A Noções introdutórias de compreensão e expressão (oral e escrita) da língua espanhola. Discussões sobre o espanhol como

Leia mais

SUMÁRIO. Língua Portuguesa

SUMÁRIO. Língua Portuguesa Língua Portuguesa Compreensão e interpretação de textos de gêneros variados... 3 Domínio da ortografia oficial... 21 Reconhecimento de tipos e gêneros textuais... 9 Domínio da estrutura morfossintática

Leia mais

PONTOS DO CONCURSO EDITAL 10/2015. Aspectos Biológicos da Educação, Ensino de Ciências Naturais e Educação Ambiental

PONTOS DO CONCURSO EDITAL 10/2015. Aspectos Biológicos da Educação, Ensino de Ciências Naturais e Educação Ambiental SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO DA BAHIA CENTRO DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTE DO MAGISTÉRIO SUPERIOR EDITAL 10/2015 PONTOS DO

Leia mais

PLANO DE ENSINO DADOS DO COMPONENTE CURRICULAR

PLANO DE ENSINO DADOS DO COMPONENTE CURRICULAR PLANO DE ENSINO DADOS DO COMPONENTE CURRICULAR Nome do COMPONENTE CURRICULAR: Língua Portuguesa e Literatura Brasileira Curso: Técnico em Informática Integrado ao Ensino Médio Série/período: 1º ano Carga

Leia mais

Informações do PPC que constarão na página eletrônica do Curso

Informações do PPC que constarão na página eletrônica do Curso Informações do PPC que constarão na página eletrônica do Curso CURSO: LETRAS - LICENCIATURA PORTUGUÊS E INGLÊS MISSÃO O curso de Licenciatura em Português e Inglês da UNESA tem como fulcro a formação de

Leia mais

ANEXO 1 A Ementário e Quadro de disciplinas por Departamentos/Setores

ANEXO 1 A Ementário e Quadro de disciplinas por Departamentos/Setores ANEXO 1 A Ementário e Quadro de disciplinas por Departamentos/Setores LET 1 - DISCIPLINAS DO SETORES DE LÍNGUA PORTUGUESA,LITERATURAS E LATIM Atenção: As disciplinas em negrito são novas disciplinas propostas.

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA (EAD) DE LETRAS Leitura e compreensão de textos. Gêneros textuais. Linguagem verbal e não verbal. Linguagem literária. Variação da língua, considerando

Leia mais

Códigos Disciplinas Carga Horária. LEC050 Linguística I 60 horas --- LEC091 Estudos Literários I 60 horas ---

Códigos Disciplinas Carga Horária. LEC050 Linguística I 60 horas --- LEC091 Estudos Literários I 60 horas --- LICENCIATURA EM LETRAS: PORTUGUÊS E RESPECTIVAS LITERATURAS MATRIZ CURRICULAR Habilitação em Português e respectivas literaturas o Ciclo Básico: LEC050 Linguística I 60 horas --- LEC091 Estudos Literários

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N , DE 21 DE NOVEMBRO DE 2012

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N , DE 21 DE NOVEMBRO DE 2012 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E RESOLUÇÃO N. 4.347, DE 21 DE NOVEMBRO DE 2012 Aprova o Projeto Pedagógico do Curso de Licenciatura em Letras

Leia mais

Matemática. 1 Semestre. Matemática I 75h. Ementa: Estuda as noções de conjuntos e de funções polinomial, modular, racional, exponencial e logarítmica.

Matemática. 1 Semestre. Matemática I 75h. Ementa: Estuda as noções de conjuntos e de funções polinomial, modular, racional, exponencial e logarítmica. Matemática 1 Semestre Matemática I 75h Ementa: Estuda as noções de conjuntos e de funções polinomial, modular, racional, exponencial e logarítmica. Lógica 60h Ementa: Estuda proposições, análise e discussões

Leia mais

A Câmara Superior de Ensino da Universidade Federal de Campina Grande, no uso de suas atribuições e,

A Câmara Superior de Ensino da Universidade Federal de Campina Grande, no uso de suas atribuições e, SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA SUPERIOR DE ENSINO RESOLUÇÃO Nº 10/2013 Aprova a estrutura curricular contida no Projeto Pedagógico do Curso

Leia mais

CARGA HORÁRIA TOTAL: 45h DOCENTE RESPONSÁVEL: GOLBERY DE OLIVEIRA CHAGAS AGUIAR RODRIGUES

CARGA HORÁRIA TOTAL: 45h DOCENTE RESPONSÁVEL: GOLBERY DE OLIVEIRA CHAGAS AGUIAR RODRIGUES PLANO DE DISCIPLINA IDENTIFICAÇÃO CURSO: LICENCIATURA EM LETRAS A DISTÂNCIA COM HABILITAÇÃO EM LÍNGUA PORTUGUESA DISCIPLINA: LITERATURA PORTUGUESA II PRÉ-REQUISITO: LITERATURA PORTUGUESA I UNIDADE CURRICULAR:

Leia mais

Planejamento Anual 2015 Disciplina: Língua Portuguesa: Ação Série: 3º ano Ensino: Médio Professor: André

Planejamento Anual 2015 Disciplina: Língua Portuguesa: Ação Série: 3º ano Ensino: Médio Professor: André Objetivos Gerais: Planejamento Anual 2015 Disciplina: Língua Portuguesa: Ação Série: 3º ano Ensino: Médio Professor: André # Promover as competências necessárias para as práticas de leitura e escrita autônomas

Leia mais

N Disciplina Nº CR C. H. Conteúdo Natureza. Introdução a EAD 4 60 DP Mód. 1 Obrigatória. Introdução à Filosofia 4 60 FG Mód.

N Disciplina Nº CR C. H. Conteúdo Natureza. Introdução a EAD 4 60 DP Mód. 1 Obrigatória. Introdução à Filosofia 4 60 FG Mód. Apresentação O curso de Filosofia licenciatura, na modalidade a distância, é resultado do desejo de iniciar um trabalho inter e multidisciplinar na qualificação de profissionais que atuam ou atuarão na

Leia mais

Padre António Vieira: Sermão de Santo António. Oralidade. Leitura. Documentário Rubrica radiofónica

Padre António Vieira: Sermão de Santo António. Oralidade. Leitura. Documentário Rubrica radiofónica Padre António Vieira: Sermão de Santo António Oralidade Documentário Rubrica radiofónica Sermão de Santo António Filme Tema musical P Discurso político Leitura O11 1. Interpretar textos orais de diferentes

Leia mais

Letras Língua Portuguesa. SEMINÁRIO INTERDISCIPLINAR DE PESQUISA I LE0007, 45h

Letras Língua Portuguesa. SEMINÁRIO INTERDISCIPLINAR DE PESQUISA I LE0007, 45h Letras Língua Portuguesa PRÁTICA PEDAGÓGICA I LE0006, 90h Ementa: Discute e analisa o conceito de educação, as políticas públicas em educação e a influencia das diversas tendências pedagógicas brasileiras

Leia mais

Sistema de Administração Escolar

Sistema de Administração Escolar Sistema de Administração Escolar SAE Faculdade de Letras e Artes Matriz Curricular de Curso de Graduação 11/07/2016 400321-1 Letras Língua Portuguesa e Respectivas Literaturas (Lic.) Matriz: 20151 Detalhamento

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N , DE 22 DE JANEIRO DE 2010

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N , DE 22 DE JANEIRO DE 2010 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 3.933, DE 22 DE JANEIRO DE 2010 Aprova o Projeto Pedagógico do Curso de Licenciatura em

Leia mais

PLANO DE DISCIPLINA DADOS DO COMPONENTE CURRICULAR NOME: LÍNGUA PORTUGUESA E LITERATURA BRASILEIRA III CURSO: TÉCNICO EM EDIFICAÇÕES INTEGRADO AO

PLANO DE DISCIPLINA DADOS DO COMPONENTE CURRICULAR NOME: LÍNGUA PORTUGUESA E LITERATURA BRASILEIRA III CURSO: TÉCNICO EM EDIFICAÇÕES INTEGRADO AO PLANO DE DISCIPLINA DADOS DO COMPONENTE CURRICULAR NOME: LÍNGUA PORTUGUESA E LITERATURA BRASILEIRA III CURSO: TÉCNICO EM EDIFICAÇÕES INTEGRADO AO ENSINO MÉDIO SÉRIE: 3º ANO CARGA HORÁRIA: 3 A/S - 120 H/A

Leia mais

ANEXO 01 LICENCIATURA EM PEDAGOGIA UENF SELEÇÃO DE DOCENTES DISCIPLINAS / FUNÇÕES - PROGRAMAS / ATIVIDADES - PERFIS DOS CANDIDATOS - NÚMEROS DE VAGAS

ANEXO 01 LICENCIATURA EM PEDAGOGIA UENF SELEÇÃO DE DOCENTES DISCIPLINAS / FUNÇÕES - PROGRAMAS / ATIVIDADES - PERFIS DOS CANDIDATOS - NÚMEROS DE VAGAS ANEXO LICENCIATURA EM PEDAGOGIA UENF SELEÇÃO DE DOCENTES DISCIPLINAS / FUNÇÕES PROGRAMAS / ATIVIDADES PERFIS DOS CANDIDATOS NÚMEROS DE VAGAS Coordenador (PA2) Conteudista (PA3) DISCIPLINA/FUNÇÃO PROGRAMA/ATIVIDADES

Leia mais

Matemática. EMENTA: Estuda as noções de conjuntos e de funções polinomial, modular, racional, exponencial e logarítmica.

Matemática. EMENTA: Estuda as noções de conjuntos e de funções polinomial, modular, racional, exponencial e logarítmica. Matemática 1º SEMESTRE MATEMÁTICA I, 75H EMENTA: Estuda as noções de conjuntos e de funções polinomial, modular, racional, exponencial e logarítmica. LÓGICA, 60H EMENTA: Estuda proposições, análise e discussões

Leia mais

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM ENSINO DE LÍNGUAS ESTRANGEIRAS

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM ENSINO DE LÍNGUAS ESTRANGEIRAS CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM ENSINO DE LÍNGUAS ESTRANGEIRAS DISCIPLINAS 1. Introdução à Pesquisa em Letras 2. Metodologia de ensino de línguas estrangeiras I: perspectivas teóricas e abordagens

Leia mais

Técnico Integrado em Controle Ambiental SÉRIE:

Técnico Integrado em Controle Ambiental SÉRIE: PLANO DA DISCIPLINA COMPONENTE CURRICULAR: Língua Portuguesa e Literatura Brasileira CURSO: Técnico Integrado em Controle Ambiental SÉRIE: 1º Ano CARGA HORÁRIA: 100 h.r. EMENTA Estudos de Fonética e Fonologia

Leia mais

LISTAGEM DOS COMPONENTES CURRICULARES COMPLEMENTARES (ELETIVOS)

LISTAGEM DOS COMPONENTES CURRICULARES COMPLEMENTARES (ELETIVOS) LISTAGEM DOS COMPONENTES CURRICULARES COMPLEMENTARES (ELETIVOS) Componente Curricular Complementar Total Teórica Prática EAD 1 Pré-requisitos 1. Alfabetização e Letramento BA000492 2. Análise de Livros

Leia mais

0 UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO SECRETARIA DOS ÓRGÃOS COLEGIADOS

0 UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO SECRETARIA DOS ÓRGÃOS COLEGIADOS DELIBERAÇÃO N 0 210, 14 DE JULHO DE 2009 O DA UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO, tendo em vista a decisão tomada em sua 277ª Reunião Ordinária, realizada em 14 de julho de 2009, e considerando

Leia mais

Matemática. 1 Semestre. Matemática I 75h. Ementa: Estuda as noções de conjuntos e de funções polinomial, modular, racional, exponencial e logarítmica.

Matemática. 1 Semestre. Matemática I 75h. Ementa: Estuda as noções de conjuntos e de funções polinomial, modular, racional, exponencial e logarítmica. Matemática 1 Semestre Matemática I 75h Ementa: Estuda as noções de conjuntos e de funções polinomial, modular, racional, exponencial e logarítmica. Lógica 60h Ementa: Estuda proposições, análise e discussões

Leia mais

Centro Universitário Adventista de São Paulo - Campus EC Matriz Curricular do Curso de Letras - Licenciatura

Centro Universitário Adventista de São Paulo - Campus EC Matriz Curricular do Curso de Letras - Licenciatura Centro Universitário Adventista de São Paulo - Campus EC Matriz Curricular do Curso de Letras - Licenciatura Início: 2013 - CONSU 2012-41 de 29/11/2012 I Ano, I Semestre I Ano, II Semestre Teoria e Prática

Leia mais

NÚCLEO TEMÁTICO I CONCEPÇÃO E METODOLOGIA DE ESTUDOS EM EaD

NÚCLEO TEMÁTICO I CONCEPÇÃO E METODOLOGIA DE ESTUDOS EM EaD UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ-UFPR SETOR DE EDUCAÇÃO CURSO DE PEDAGOGIA MAGISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INFANTIL E ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL CURSO DE PEDAGOGIA MAGISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INFANTIL E DOS ANOS

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N , DE 27 DE SETEMBRO DE 2012

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N , DE 27 DE SETEMBRO DE 2012 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 4.316, DE 27 DE SETEMBRO DE 2012 Aprova o Projeto Pedagógico do Curso de Licenciatura

Leia mais

MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA

MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA Professor, nós, da Editora Moderna, temos como propósito uma educação de qualidade, que respeita as particularidades de todo o país. Desta maneira, o apoio ao

Leia mais

UFBA - Universidade Federal da Bahia - Sistema Acadêmico R Grade Curricular (Curso) 09/12/ :27. Letras

UFBA - Universidade Federal da Bahia - Sistema Acadêmico R Grade Curricular (Curso) 09/12/ :27. Letras Curso: Letras 481120 Área: Letras Currículo: 2009-2 Turno: Noturno Duração em anos: Mínima 3,5 Média 5 Máxima 6 Titulação: Licenciado em Letras Habilitação: Licenciatura Base Legal: Criação/Autorização:Decreto

Leia mais

DA DO S DA ESTRUTURA C URRICULA R

DA DO S DA ESTRUTURA C URRICULA R UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO DE ATIVIDADES ACADÊMICAS Portal do Discente EMITIDO EM 04/02/2013 11:38 DA DO S DA ESTRUTURA C URRICULA R Código: 03A Matriz Curricular:

Leia mais

Programa de Pós-Graduação em Jornalismo (POSJOR)

Programa de Pós-Graduação em Jornalismo (POSJOR) Programa de Pós-Graduação em Jornalismo (POSJOR) Ementário - Doutorado Eixo de Disciplinas Comuns Metodologia de Pesquisa em Jornalismo M e D Obrigatória 60 horas 04 Conhecimento e campo científico. Campo

Leia mais

PLANO DE ENSINO. Curso: Pedagogia. Disciplina: Conteúdos e Metodologia de Língua Portuguesa. Carga Horária Semestral: 80 Semestre do Curso: 6º

PLANO DE ENSINO. Curso: Pedagogia. Disciplina: Conteúdos e Metodologia de Língua Portuguesa. Carga Horária Semestral: 80 Semestre do Curso: 6º PLANO DE ENSINO 2016 Curso: Pedagogia Disciplina: Conteúdos e Metodologia de Língua Portuguesa Carga Horária Semestral: 80 Semestre do Curso: 6º 1 - Ementa (sumário, resumo) Fundamentos teórico-metodológicos

Leia mais

CARGA HORÁRIA SEMANAL: 04 CRÉDITO: 04 NOME DA DISCIPLINA: LÍNGUA PORTUGUESA II NOME DO CURSO: PEDAGOGIA

CARGA HORÁRIA SEMANAL: 04 CRÉDITO: 04 NOME DA DISCIPLINA: LÍNGUA PORTUGUESA II NOME DO CURSO: PEDAGOGIA 1. IDENTIFICAÇÃO PERÍODO: 2º CARGA HORÁRIA SEMANAL: 04 CRÉDITO: 04 NOME DA DISCIPLINA: LÍNGUA PORTUGUESA II NOME DO CURSO: PEDAGOGIA CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 60 2. EMENTA Leitura do mundo e leitura de

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA Pró-Reitoria de Ensino de Graduação Departamento de Administração Escolar

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA Pró-Reitoria de Ensino de Graduação Departamento de Administração Escolar Documentação: Objetivo: Titulação: Diplomado em: Resolução 002/CUn/2007, de 02 de março de 2007 O Curso de Licenciatura em Letras/LIBRAS é uma iniciativa da Universidade Federal de Santa Catarina, com

Leia mais

EMENTAS DOS COMPONENTES CURRICULARES

EMENTAS DOS COMPONENTES CURRICULARES EMENTAS DOS COMPONENTES CURRICULARES Ementas dos Conteúdos Básicos Profissionais Filosofia da Educação I - 04 créditos - 60 horas Conceito de Filosofia e Filosofia da Educação. Filosofia, conhecimento,

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N , DE 18 DE MAIO DE 2010

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N , DE 18 DE MAIO DE 2010 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 3.979, DE 18 DE MAIO DE 2010 Aprova o Projeto Pedagógico do Curso de Licenciatura em Língua

Leia mais

Códigos Disciplinas Carga Horária. LEC050 Linguística I 60 horas --- LEC091 Estudos Literários I 60 horas ---

Códigos Disciplinas Carga Horária. LEC050 Linguística I 60 horas --- LEC091 Estudos Literários I 60 horas --- LICENCIATURA EM LETRAS: LATIM E RESPECTIVAS LITERATURAS MATRIZ CURRICULAR Habilitação em Latim e respectivas literaturas o Ciclo Básico: Prérequisito LEC050 Linguística I 60 horas --- LEC091 Estudos Literários

Leia mais

CURSO DE GRADUAÇÃO EM LETRAS - DIURNO (CURRÍCULO EM IMPLANTAÇÃO PROGRESSIVA A PARTIR DE ) PORTARIA DE APROVAÇÃO Nº 240/PREG/2006 DE 7/11/06

CURSO DE GRADUAÇÃO EM LETRAS - DIURNO (CURRÍCULO EM IMPLANTAÇÃO PROGRESSIVA A PARTIR DE ) PORTARIA DE APROVAÇÃO Nº 240/PREG/2006 DE 7/11/06 CURSO DE GRADUAÇÃO EM LETRAS - DIURNO (CURRÍCULO EM IMPLANTAÇÃO PROGRESSIVA A PARTIR DE 2007-1) PORTARIA DE APROVAÇÃO Nº 240/PREG/2006 DE 7/11/06 CRIAÇÃO DO CURSO : DECRETO Nº 36658/54 RECONHECIMENTO DO

Leia mais

Competências globais a serem adquiridas na série

Competências globais a serem adquiridas na série PLANO DE ENSINO - 2016 Disciplina: Língua Portuguesa 9º ANO Professor: Ricardo Andrade Competências globais a serem adquiridas na série.fundamentar uma aprendizagem significativa, desenvolvendo múltiplas

Leia mais

CURSO DE GRADUAÇÃO EM LETRAS - NOTURNO (CURRÍCULO EM IMPLANTAÇÃO PROGRESSIVA A PARTIR DE ) PORTARIA DE APROVAÇÃO Nº 240/PREG/2006 DE 7/11/06

CURSO DE GRADUAÇÃO EM LETRAS - NOTURNO (CURRÍCULO EM IMPLANTAÇÃO PROGRESSIVA A PARTIR DE ) PORTARIA DE APROVAÇÃO Nº 240/PREG/2006 DE 7/11/06 CURSO DE GRADUAÇÃO EM LETRAS - NOTURNO (CURRÍCULO EM IMPLANTAÇÃO PROGRESSIVA A PARTIR DE 2007-1) PORTARIA DE APROVAÇÃO Nº 240/PREG/2006 DE 7/11/06 CRIAÇÃO DO CURSO : DECRETO Nº 36658/54 RECONHECIMENTO

Leia mais

Estrutura Curricular - Vigência a partir do 2º semestre de 2013

Estrutura Curricular - Vigência a partir do 2º semestre de 2013 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI FACULDADE INTERDISCIPLINAR EM HUMANIDADES CURSO DE GRADUAÇÃO - LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO DO CAMPO HABILITAÇÃO EM LINGUAGENS

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE LICENCIATURA EM FILOSOFIA 1º PERÍODO

EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE LICENCIATURA EM FILOSOFIA 1º PERÍODO EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE LICENCIATURA EM FILOSOFIA 1º PERÍODO FIL02457 - FILOSOFIA POLÍTICA I (60 h, OBR) O homem e sua ação política. A noção de polis no pensamento grego antigo e seus desdobramentos

Leia mais

H003 Compreender a importância de se sentir inserido na cultura escrita, possibilitando usufruir de seus benefícios.

H003 Compreender a importância de se sentir inserido na cultura escrita, possibilitando usufruir de seus benefícios. 2ª Língua Portuguesa 5º Ano E.F. Objeto de Estudo Usos e funções: código oral e código escrito Usos e funções: código oral e código escrito Usos e funções: norma-padrão e variedades linguísticas. Usos

Leia mais

PEDAGOGIA. 1º Semestre. Antropologia e Educação 60h

PEDAGOGIA. 1º Semestre. Antropologia e Educação 60h PEDAGOGIA 1º Semestre Antropologia e Educação 60h Ementa: O estudo da antropologia entendido como estudo da cultura, das relações dos grupos humanos (intra e extragrupos) e da apropriação do espaço pelos

Leia mais

MATRIZ DE TRANSIÇÃO LICENCIATURA EM LETRAS PORTUGUÊS FRANCÊS

MATRIZ DE TRANSIÇÃO LICENCIATURA EM LETRAS PORTUGUÊS FRANCÊS MATRIZ DE TRANSIÇÃO LICENCIATURA EM LETRAS PORTUGUÊS FRANCÊS Para integralizar a Matriz de Transição do Licenciatura em Letras Português Francês, o aluno terá que atender às oito categorias abaixo, considerando,

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº. 227 DE 12 DE DEZEMBRO DE 2014

RESOLUÇÃO Nº. 227 DE 12 DE DEZEMBRO DE 2014 RESOLUÇÃO Nº. 227 DE 12 DE DEZEMBRO DE 2014 O CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA, EXTENSÃO E CULTURA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA GRANDE DOURADOS, no uso de suas atribuições legais, considerando as ações de implantação

Leia mais

CURSO: MÚSICA LICENCIATURA EMENTAS º PERÍODO

CURSO: MÚSICA LICENCIATURA EMENTAS º PERÍODO CURSO: MÚSICA LICENCIATURA EMENTAS - 2016.1 1º PERÍODO DISCIPLINA: LINGUAGEM E ESTRUTURAÇÃO MUSICAL I Leitura musical em duas claves de referência: sol e fá na 4º linha. Percepção auditiva. sistemas diatônicos.

Leia mais

COMPONENTES CURRICULARES COMPLEMENTARES: CH Teórica 60. CH Prática

COMPONENTES CURRICULARES COMPLEMENTARES: CH Teórica 60. CH Prática COMPONENTES CURRICULARES COMPLEMENTARES: Teórica Prática EAD Pré-requisitos 1. Aquisição do Português por Lusofalantes 2. Discurso e Educação Ambiental 3. Drama em Língua a 4. Drama em Língua Inglesa 5.

Leia mais

Letras Língua Portuguesa

Letras Língua Portuguesa Letras Língua Portuguesa 1º Semestre ESTUDOS FILOSÓFICOS CI0003, 45h Ementa: Reflete sobre o desenvolvimento das correntes filosóficas no ocidente, enfatizando a influência da filosofia clássica na constituição

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO FACULDADE DE LETRAS DIRETORIA ADJUNTA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO DEPARTAMENTO DE LETRAS CLÁSSICAS

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO FACULDADE DE LETRAS DIRETORIA ADJUNTA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO DEPARTAMENTO DE LETRAS CLÁSSICAS DEPARTAMENTO DE LETRAS CLÁSSICAS SETOR DE GREGO 011 1º SEMESTRE DISCIPLINA: GREGO A LEC 305 Marinete de Santana Ribeira 4ª 13:30-15:10 H-105 A prosa Ática: aspectos morfossintáticos e estilísticos. Textos

Leia mais

Pedagogia. 1º Semestre. Filosofia e Educação ED0003/ 60h

Pedagogia. 1º Semestre. Filosofia e Educação ED0003/ 60h Pedagogia 1º Semestre Filosofia e Educação ED0003/ 60h Ementa: Fundamentação teórica dos conceitos básicos de Filosofia. Distinção entre Ciências e Filosofia. O estudo e a análise da aplicação sistemática

Leia mais

Curso: Licenciatura em Letras

Curso: Licenciatura em Letras Curso: Licenciatura em Letras Módulo: Formação Humanística números de variáveis, com as respectivas abrangendo técnicas e visitas culturais), Atividades Orientadas AO, ministrada por diversos docentes

Leia mais

PLANO DE DISCIPLINA DADOS DO COMPONENTE CURRICULAR NOME: LÍNGUA PORTUGUESA E LITERATURA BRASILEIRA II CURSO: TÉCNICO EM EDIFICAÇÕES INTEGRADO AO

PLANO DE DISCIPLINA DADOS DO COMPONENTE CURRICULAR NOME: LÍNGUA PORTUGUESA E LITERATURA BRASILEIRA II CURSO: TÉCNICO EM EDIFICAÇÕES INTEGRADO AO PLANO DE DISCIPLINA DADOS DO COMPONENTE CURRICULAR NOME: LÍNGUA PORTUGUESA E LITERATURA BRASILEIRA II CURSO: TÉCNICO EM EDIFICAÇÕES INTEGRADO AO ENSINO MÉDIO SÉRIE: 2º ANO CARGA HORÁRIA: 3 A/S - 120 H/A

Leia mais

4253 CULTURA AFRO-BRASILEIRA V U C. Sociais quarta-feira MARKETING ELEITORAL V U C. Sociais segunda-feira 11

4253 CULTURA AFRO-BRASILEIRA V U C. Sociais quarta-feira MARKETING ELEITORAL V U C. Sociais segunda-feira 11 4253 CULTURA AFRO-BRASILEIRA V U C. Sociais quarta-feira 12 3326 MARKETING ELEITORAL V U C. Sociais segunda-feira 11 6752 PESQUISA II: MÉTODOS QUANTITATIVOS V B C. Sociais segunda-feira 18 3734 POLÍTICA

Leia mais

Educador A PROFISSÃO DE TODOS OS FUTUROS. Uma instituição do grupo

Educador A PROFISSÃO DE TODOS OS FUTUROS. Uma instituição do grupo Educador A PROFISSÃO DE TODOS OS FUTUROS F U T U R O T E N D Ê N C I A S I N O V A Ç Ã O Uma instituição do grupo CURSO 2 CURSO OBJETIVOS Oferecer aos alunos e profissionais interessados no assunto, subsídios

Leia mais