Hino da Campanha da Fraternidade 2015 e cantos para a Quaresma Ano B

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Hino da Campanha da Fraternidade 2015 e cantos para a Quaresma Ano B"

Transcrição

1 Hino da ampanha da raternidade 2015 e cantos para a Quaresma no B Eu vim para servir (cf. Mc 10,45)

2 Reprodução e distribuição Pauus ireção mutimedia audiano veino dos Santos, ssp oordenação gera do da 2015 Pe. José aros Saa ssessor da NBB para a Música Litúrgica rranjos, regência e tecado Luiz ntonio Karam (faixas: 1, 3, 4, 9, 10, 13, 15 e 1 a 23) oro ndréia Zanardi, Maria iniz, Luiz eipe e Emmanue (faixas: 1, 3, 4, 9, 10, 13, 15, 1 a 23) Soo ndréia Zanardi (faixas: 3, 4, 13, 15 e 1) Emmanue (faixas: 3, 4, 13, 15, 1 e 23) Luiz eipe (faixas: 1, 3, 9, 10, 13, 15, 1, 21 e 22) Maria iniz (faixas: 1, 3, 15 e 1) Vioão e baixo Ocimar de Paua (faixas: 1, 3, 4, 9, 10, 13, 1 e 19) Vioão Ocimar de Paua (faixas: 20, 21, 22 e 23) 2012 faixas 2, 5 a 8, 11 a 14 e 16 ravação entieza Pauinas OMEP Pauus Brasi 2014 Rua rancisco ruz, São Pauo SP

3 Hino Tema: raternidade: Igreja e sociedade Lema: Eu vim para servir (cf. Mc 10,45) ========================== & 2 4 m j Œ = 1. Em mei o_às an gús tias, vi tó rias e i das, no pa co do ========================== & Œ = mun do,_on de_a_his tó ria se faz, so nhei u ma_i gre ja_a ser vi ço da m ========================== & Œ = vi da. Eu fiz do meu po vo_os a to res Em ========================== & Œ j = Eu fiz do meu po vo_os a to res da paz! da paz! Refr.: Que ro_u ma_i m ========================== & j m = gre ja so i dá ria, ser vi do ra_e mis sio m ná ria, ========================== & j Œ j = que_a nun ci a_e sai ba_ou vir. u tar por di gni Em ========================== & j = ti ça_e i gua da de, pois "Eu vim pa ra ser vir"! da L.: Pe. José ntonio de Oiveira M.: Pe. José Weber de, por jus 1. Em meio às angústias, vitórias e idas, no paco do mundo, onde a história se faz (cf. S 2), sonhei uma Igreja a serviço da vida. /:Eu fiz do meu povo os atores da paz!:/ 3. Preciso de gente que cure feridas, que saiba escutar, acoher, visitar. Eu quero uma Igreja em constante saída (E, 20), /:de portas abertas, sem medo de amar!:/ Quero uma Igreja soidária, servidora e missionária, que anuncia e saiba ouvir. utar por dignidade, por justiça e iguadade, pois "Eu vim para servir" (Mc 10,45). 2. Os grandes oprimem, exporam o povo, mas entre vocês bem diverso há de ser. Quem quer ser o grande se faça de servo: /:eus ama o pequeno e despreza o poder:/ (cf. Mc 10,4245) 4. O meu mandamento é antigo e tão novo: mar e servir como faço a vocês. Sou mestre que escuta e cuida seu povo, /:um eus que se incina e que ava seus pés:/ (cf. Jo 13) 5. s chagas do ódio e da intoerância se curam com o óeo do amorcompaixão (cf. Lc 10,29ss). Na uz do Evangeho, acende a esperança. /:Vem! aça as sandáias, assume a missão!:/

4 Senhor, tende compaixão! (istribuição das cinzas ou bertura tempo da quaresma) B () B 1. Ten de pie da de, Se nhor, ten de com pai xão! o vos so po vo que a co m m Re a cen dei em nós a cha ma ba tis ma. m mor pu ri fi cai me! o meu pe B B B Oh! m m he.a con ca do to do.in tei ro vem a var me m são. ó meu eus, mi se ri cor dia, na.i men si dão de vos so.a gai com pe ta men te.a mi nha cu pa. ver ai nos uz e vos so per dão! Waison Rodrigues e a pa Senhor, tende compaixão o vosso povo que acohe a conversão. Reacendei em nós a chama batisma. Oh! ános uz e vosso perdão! 1. Tende piedade, ó meu eus, misericórdia! Na imensidão de vosso amor, purificaime! o meu pecado, todo inteiro, vem avarme E apagai competamente a minha cupa. 2. Eu reconheço toda a minha iniquidade, O meu pecado está sempre à minha frente, oi contra vós, só contra vós que eu pequei E pratiquei o que é mau aos vossos ohos! 3. riai em mim um coração que seja puro, aime de novo um espírito decidido. Ó Senhor, não me afasteis de vossa face Nem retireis de mim o vosso Santo Espírito! 4. aime de novo a aegria de ser savo E confirmaime com espírito generoso! bri meus ábios, ó Senhor, para cantar E minha boca anunciará vosso ouvor!

5 Rejubiate, idade Santa! (anto de bertura 4 omingo da Quaresma) omingo do Laetare uarânia vaseada/ tranquio... Letra e Música: rei Tees Ramon, O. de M. Refrão: Re ju bi ta te, i da / de Em San / 9 m vem o Rei que nos re miu. E xu te mos jun ta, tos eis de_a que e gri a: No va m Pás coa E e nos a briu! 1. Já se cum pre_a gran de pro fe ci a: vem m Em gan do a i ber ta ção. O Pas tor / quegui a / nos 4 vi das vem nos dar um no vo co ra ção! che sas Rejubiate, idade Santa, Eis que vem o Rei que nos remiu. Exutemos juntos de aegria Nova Páscoa Ee nos abriu! 1. Já se cumpre a grande profecia: vem chegando a ibertação! O Pastor que guia nossas vidas vem nos dar um novo coração. 2. Escutemos a Paavra viva que nos eva para o rumo certo. É o eus que vai ao nosso ado conduzindonos peo deserto. 3. espertemonos pro Novo ia que expusa toda escuridão. Ó Jerusaém, idade Santa, confiemonos no seu perdão.

6 ória a vós, ó risto 1 camação Tempo da Quaresma ========================== & # # # E #2 4 Œ. E/ j # # B { ó ria_a vós, # ó ris to, ========================== & # # # # Œ _. j # m 1. E 2. E Ó { = ó ria_a vós, ó ris to, ver bo de eus! ória_a eus! ========================== & # # # # # m W # m # m B W W W = ver bo de Pe. José aros Saa eus! #

7

8 Jesus, iho mado! (omunhão Transfiguração do Senhor Jesus) 2 dom quaresma Waison Rodrigues 2 4 Je sus, i ho.a ma do do Bm Pai, di vi na.e go Em rio s'a e 8 gri a. Ó Bm Luz cin gi da de uz, nos sa vi dai iu mi 16 nai. Es cu te mos su a voz! 22 m arão do Pai que traz no va vi são. Bm Paavra Eterna que restaura o nos so.a gir. 26 m arão do Pai que nos é Sa va ção. Bm Paavra Eterna que nos enca mi nh'à Luz. Jesus, iho amado do Pai, divina e goriosa egria. Ó Luz cingida de Luz: nossa vida iuminai! Escutemos sua voz! 1. arão do Pai que traz nova visão; Paavra Eterna que restaura o nosso agir. (cf. S 4,) arão do Pai que nos é savação; Paavra Eterna que nos encaminha à Luz. (cf. S 26,1; 35,10) 2. arão do Pai que é essência de eus; Paavra Eterna e caminho aos éus. (cf. Jo 10,30; S 42,3) arão do Pai que proscreve o medo; Paavra Eterna que tateia nosso Ser. (cf. Mt 1,; S 32,15) 3. arão do Pai que irradia o amor; Paavra Eterna que nos chama a ser uz. arão do Pai que nos convida a Si; Paavra Eterna que nos partiha tua paz. 4. arão do Pai que nos faz fihos da Luz; Paavra Eterna que aumenta nossa fé. arão do Pai que é a vida dos homens; Paavra Eterna que é a pena verdade. 5. arão do Pai que respandece em nós; Paavra Eterna que abrihanta nosso ohar. arão do Pai que dissipa as trevas; Paavra Eterna que nos chama à conversão..

9 eus é rico em misericórdia (omunhão 4º om. da Quaresma no B) œ œ œ œ Lento, contempativo... L.: r. Tees Ramon, O. de M. M.: denor Leonardo Terra m ======= & bb b 6 4 Ó. Œ _. Œ _. _ 1. eus é ri co em mi se ri cór dia. Seu a mor é gran de, sim, por sus 4 m m B ======= & bb b Œ.. b m Œ b. nós. as a mar ras da an ti ga mor te nos i vrou, pois ou ve_a nos sa m B b ======= & bb b. Œ _. Œ _. _ voz. Es te_a mor es tá em Je sus ris to, que por nós mor reu e res sur sus 4 m m B ======= & bb b Œ.. b m Œ b. giu, à di rei ta de eus Pai se_en con tra e do céu as por tas nos a B b ======= & bb b. Œ n n m Em { n. Ó.. briu. Ref.: Es te é o_amor de eus por nós: ca mi nha co nos co! m Ó 1. ======= &.. Œ _ { Vi si ta seu m po vo! mor de m m (2ª vez) eus por nós! Es te 2. b w_. nós! b 1. eus é rico em misericórdia. Seu amor é grande, sim, por nós. (Ef 2, 4) as amarras da antiga morte Nos ivrou, pois ouve nossa voz. Este amor está em Jesus risto Que por nós morreu e ressurgiu, À direita de eus Pai se encontra E do céu as portas nos abriu. /:Este é o amor de eus por nós: aminha conosco! Visita seu povo! mor de eus por nós!:/ 2. Quando o povo andou em maus caminhos Praticando a infideidade. eus envia os seus mensageiros Para conduzios à verdade. Mas em nada adianta o envio E vem ogo a escravidão. O amor de eus nunca se cansa Promovendo a ibertação. (2r 36, ) 3. Qua serpente no deserto, um dia, Que Moisés ao povo evantou. É preciso que o iho d Homem Mostre ao mundo todo o seu amor. Os que creem terão a vida eterna Pois é esta a minha missão: ar a vida em abundância a todos E ivráos da condenação. (Jo 3, 1419) 4. Ó Jerusaém, cidade santa És perfeita em tudo, na unidade. Para á acorre toda gente; Que o Senhor de seu ouvor se agrade. (S 121,34) E este canto se repita sempre eus que nos dá a savação, Que nos deu seu iho, Jesus risto, Nossa vida e ressurreição.

10 œ Vem, ó meu povo, partihar da minha mesa anto de comunhão Quaresma no B ======================= & 4 _ j _ m _ j = ó da mi nha me sa. om mui to_a 1. Vem, meu po vo, Em par ti har m mor es se m E ======================= & œ j j = que za, e van ta_e co me des te pão que con sa grei. Refr.: Nós te ou m m œ œ œ œ ======================= & j œ œ œ œ = va mos, ó por teu ca ri nho que se faz pão, se m se faz rá ça na ban quete_eu pre pa rei. Este_a i men to for ======================= & œ œ œ j = Se nhor, pa a vra_e traz ======================= & j j = dão. _Eu ca ris ti a nos sus ten ta no ca mi nho, fra per nu tre_a_es pe ======================== & Ó w_ ran ça_e for ta onvite 1. Vem, ó meu povo, partihar da minha mesa. com muito amor esse banquete eu preparei. Este aimento será força na fraqueza, Levanta e come deste pão que consagrei. /:Nós te ouvamos, ó Senhor por teu carinho que se faz pão, se faz paavra e traz perdão. Eucaristia nos sustenta no caminho nutre a esperança e fortaece na missão.:/ 1º dom.: Tentações e proposta do Reino 2. Eu te proponho um novo Reino de justiça, que tem por ei a iguadade, a compaixão. Não te dominem o egoísmo e a cobiça! recorre à força da paavra e da oração. e ce na mis são. L.: Pe. José ntônio de Oiveira M.: Pe. José aros Saa 2º dom.: Transfiguração 3. No monte santo da oração, da Eucaristia encontrarás aento e paz, conforto, enfim. Mas na panície da missão, no diaadia irmãos sofridos já te esperam. Vai por mim! 3º dom.: Jesus no tempo 4. minha casa é ar que acohe, é doce abrigo, mas a morada que prefiro é o coração. Me aegra o cuto que me prestas, como amigo, me aegra mais te ver cuidar do teu irmão. 4º dom.: Jesus e Nicodemos Trevas e uz 5. Por tanto amar eu entreguei meu próprio iho. Pra te savar Ee se deu, morreu na cruz. Se o ma te fere e do teu rosto ofusca o briho combate as trevas! aze o bem! Procura a uz! 5º dom.: rão de trigo morte e vida 6. ará mais frutos toda a panta que é podada. vida humana é uma onga gestação. À uz da fé, a dor é poda abençoada, À uz da páscoa, a morte é uz, ressurreição.

11 œ Senhor, tende piedade (to Penitencia) & # # W j 3 j j j 8 S.: Senhor, que nos mandastes perdoar mutuamente antes de nos aproximar do Texto: Missa Romano Música: ison eerino vos so a tar. & # / #3 8 Œ j # maj.. 6 {. { T.: Se nhor, ten de pie da de de nós! & # # W Bm E / / j # j j j # {. { risto, que na cruz destes o perdão aos pe ca do res. T.: ris to, ten de pie da de de nós! & # / # W j j 3 j j j 8Œ j # maj.. { S.: Senhor, que confiastes à vossa Igreja o ministério da ======= & # # 6. = { da de de nós! re con ci ia ção. T.: Se S.: Senhor, que nos mandastes perdoar mutuamente antes de nos aproximarmos do vosso atar. T.: /:Senhor, tende piedade de nós!:/ S.: risto, que na cruz destes o perdão aos pecadores. T.: /:risto, tende piedade de nós!:/ S.: Senhor, que confiastes à vossa Igreja o ministério da reconciiação. T.: /:Senhor, tende piedade de nós!:/ nhor, ten de pie

12 camações & "Eis o mistério da fé" (Orações Eucarísticas I e II) Texto: Missa Romano Música: íson erino B m E m ben ço ai nos sa o fe ren da, ó Se nhor! onser vai a vos sa I gre ja sem pre u ni da! Lem brai vos, ó Pai, dos vos sos fi hos! Em co munhão com to da a I gre ja a qui es ta mos. Santi fi cai nos sa o fe ren da, ó Se nhor! Re ce bei, ó Se nhor a nos sa o fer ta! Lem brai vos, ó Pai, dos vos sos fi hos! on ce dei nos o con ví vio dos e ei tos1 4 E m B m E m6 Eis o misté rio da fé! nunci a mos, Senhor, a vos sa mor te e proca 8 B m / # E m / ma mos a vos sa res sur rei ção. Vin de, Senhor Je sus! gíson ceerino jun/2013

13 Santo Texto: Missa Romano Música: íson eerino / # B m / E m sus4 San to, san to, san to, Se nhor, eus do u ni ver so! O 5 / # B m / E m sus4 STB céu e a ter ra pro ca mam, pro ca mam a vos sa gó ria. Ho 9 E m # m B/ # E m /E / # sa na, ho sa na nas a tu ras! Ho sa sa, ho sa na nas a tu ras! Ho 13 E m # m B/ # E m 6 ine sus4 sa na, ho sa na nas a tu ras, ho sa na! Ben 1 / +/ Em5b.S. a ine sus4 di to a que e que vem em no me do Se nhor! Ho gíson ceerino mar/2012

14 œ œ œ œ œ œ œ œ œ œ mém! (oxoogia) ison eerino & # #c Em œ _ Bm # m Em œ œ_ œ œ œ œœ œ œ œœ œ mém, a mém, (a mém), mém! _? # _ #c. _. _ œ œ _ mém, a mém, mém, a mém a mém! œ mém!

15 ordeiro de eus (ração do pão) ison eerino & # m #c j 6 m 6 / œ # º { œ S.: or dei ro de eus, que ti rais o pe ca do do mun do, T.: ten de pie da de, & # sus # œ 4 # º Bm maj Em E 1. E Œ. 2. E j Œ. { j ten de pie da de, ten de pie da de de nós. S.: or......nós. S.: or & # # E / E / # º œ dei ro de eus, que ti rais o pe ca do ================= & # sus # œ 4 # º Bm maj Em / w vos sa paz, dai nos a vos sa paz! S.: ordeiro de eus, que tirais o pecado do mundo, T.: Tende piedade de nós! S.: ordeiro de eus, que tirais o pecado do mundo, T.: Tende piedade de nós! S.: ordeiro de eus, que tirais o pecado do mundo, T.: ainos a paz, a vossa paz, dainos a vossa paz! do mun do, T.: dai nos a œ paz, a

01 - Hino CF 2015 «ˆ «C ««««««« ««««Em ˆ ˆ« ˆ ˆ ˆ ˆ ˆ« ˆ ˆ ˆ ˆ «Œ F «« ˆ«Œ ««««« ˆ«G C «««

01 - Hino CF 2015 «ˆ «C ««««««« ««««Em ˆ ˆ« ˆ ˆ ˆ ˆ ˆ« ˆ ˆ ˆ ˆ «Œ F «« ˆ«Œ ««««« ˆ«G C ««« Tema: Fraternida: Igreja e socieda Lema: Eu vim para servir (cf. Mc 10,45) 01 Hino CF 2015 & 2 4 C m j 1. Em mei o_às an gús tias, vi tó rias e i da & C Œ F mun do,_on _a_his tó ria se faz, so nhei u m

Leia mais

«G ˆ ˆ ˆ. l ˆ«. ˆ«======================== & 2 fi C ˆ ˆ««G7 ======================== & ˆ«. ˆ«======================== & ˆ«

«G ˆ ˆ ˆ. l ˆ«. ˆ«======================== & 2 fi C ˆ ˆ««G7 ======================== & ˆ«. ˆ«======================== & ˆ« 1) Hoe é festa diferente (bertura) (ountry) ======================== & 2 fi 4. = 1 Ho e_é ( "eebrações speciais" nº 3 Pauus) es O céu em minhas mãos Missa de Primeira ucaristia ta di fe ren te pra quem

Leia mais

Vamos Subir Nova Voz

Vamos Subir Nova Voz c c Vamos Subir Nova Voz 2 Letra e Música: Lucas Pimentel Arr: Henoch Thomas 2 5 2 to Eu-pos tem - po te-nho ou vi - do a pro- 2 g g 8 mes - sa de que vi - rás pra res -ga -tar os fi-lhos Teus Nem sem-pre

Leia mais

Hino CF 2015. Rejubila-te, Cidade Santa! (Canto de Abertura - 4 Domingo da Quaresma)

Hino CF 2015. Rejubila-te, Cidade Santa! (Canto de Abertura - 4 Domingo da Quaresma) Hino CF 2015 1. Em meio às angústias, vitórias e lidas, no palco do mundo, onde a história se faz (cf. GS 2), sonhei uma Igreja a serviço da vida. /:Eu fiz do meu povo os atores da paz!:/ Quero uma Igreja

Leia mais

======================== ˆ_ ˆ«

======================== ˆ_ ˆ« Noss fest com Mri (Miss pr os simpes e pequenos, inspirdo em Jo 2,112) ( Liturgi I Puus) 1) eebremos n egri (bertur) Rgtime & c m m.. _ m m.. _ e e bre mos n_ e gri, nos s fes t com M ri : & _.. _ º....

Leia mais

I DOMINGO DA QUARESMA

I DOMINGO DA QUARESMA I DOMINGO DA QUARESMA LITURGIA DA PALAVRA / I Gen 2, 7-9; 3, 1-7 Leitura do Livro do Génesis O Senhor Deus formou o homem do pó da terra, insuflou em suas narinas um sopro de vida, e o homem tornou-se

Leia mais

(Às Co missões de Re la ções Exteriores e Defesa Na ci o nal e Comissão Diretora.)

(Às Co missões de Re la ções Exteriores e Defesa Na ci o nal e Comissão Diretora.) 32988 Quarta-feira 22 DIÁRIO DO SENADO FEDERAL Ou tu bro de 2003 Art. 3º O Gru po Parlamentar reger-se-á pelo seu regulamento in ter no ou, na falta deste, pela decisão da ma i o ria absoluta de seus mem

Leia mais

P á g i n a 1 7 PAROQUIA N. SRA. RAINHA DOS APOSTOLOS CANTOS DA QUARESMA - 2015. Cantos de Entrada: 1) Entrada/Senhor Eis Aqui o Teu Povo

P á g i n a 1 7 PAROQUIA N. SRA. RAINHA DOS APOSTOLOS CANTOS DA QUARESMA - 2015. Cantos de Entrada: 1) Entrada/Senhor Eis Aqui o Teu Povo Cantos de Entrada: 1) Entrada/Senhor Eis Aqui o Teu Povo Refrão: Senhor, eis aqui o teu povo que vem implorar teu perdão; É grande o nosso pecado, porém é maior o teu coração. 1. Sabendo que acolheste

Leia mais

GASTRONOMIA. Cer ti fi que-se de que está es cre ven do de acor do com o tema pro pos to e dê um tí tu lo a seu tex to.

GASTRONOMIA. Cer ti fi que-se de que está es cre ven do de acor do com o tema pro pos to e dê um tí tu lo a seu tex to. GASTRONOMIA Instruções Cer ti fi que-se de que está es cre ven do de acor do com o tema pro pos to e dê um tí tu lo a seu tex to. Res pe i te mar gens e en tra das de pa rá gra fo. Use as in for ma ções

Leia mais

Cantos para o Tempo Pascal Inicio da Missa O Senhor ressurgiu! Letra e Música: Pe. Ney Brasil

Cantos para o Tempo Pascal Inicio da Missa O Senhor ressurgiu! Letra e Música: Pe. Ney Brasil Inicio da Missa O Senhor ressurgiu! Letra e Música: Pe. Ney Brasil C Em F C... O Senhor ressurgiu,... Aleluia, aleluia! F Dm Dm7 G...É o Cordeiro Pascal,... Aleluia, aleluia! C Em F C Imolado por nós,...

Leia mais

Oração da CF 2014. Amém!

Oração da CF 2014. Amém! Oração da CF 2014 Ó Deus, sempre ouvis o clamor do vosso povo e vos compadeceis dos oprimidos e escravizados. Fazei que experimentem a libertação da cruz e a ressurreição de Jesus. Nós vos pedimos pelos

Leia mais

1ª Leitura - Gn 2,7-9; 3,1-7

1ª Leitura - Gn 2,7-9; 3,1-7 1ª Leitura - Gn 2,7-9; 3,1-7 Criação e pecado dos primeiros pais. Leitura do Livro do Gênesis 2,7-9; 3,1-7 7 O Senhor Deus formou o homem do pó da terra, soprou-lhe nas narinas o sopro da vida e o homem

Leia mais

Casa, acolhida e libertação para as primeiras comunidades

Casa, acolhida e libertação para as primeiras comunidades PNV 289 Casa, acolhida e libertação para as primeiras comunidades Orides Bernardino São Leopoldo/RS 2012 Centro de Estudos Bíblicos Rua João Batista de Freitas, 558 B. Scharlau Caixa Postal 1051 93121-970

Leia mais

Missa - 10/5/2015. Entrada

Missa - 10/5/2015. Entrada Missa - 10/5/2015 ntrada m F#m 1. Todos unidos formamos um só corpo, um povo que na Páscoa nasceu. G Membros de Cristo, no sangue redimidos, Igreja peregrina de eus. m F#m Vive conosco a força do spírito,

Leia mais

Todo dia é preciso lembrar, sou a luz, o caminho, a verdade, Sou o trigo que morre e floresce, sou o pão, sou fermento, sou vida.

Todo dia é preciso lembrar, sou a luz, o caminho, a verdade, Sou o trigo que morre e floresce, sou o pão, sou fermento, sou vida. Canto de entrada C G C Dm G G7 Venham comigo, vamos comer minha Páscoa. C G C Dm G G7 Isto é meu corpo, isto também é meu sangue C F G C G Eis o meu testamento até que se cumpra no reino de Deus. C G C

Leia mais

Resolução feita pelo Intergraus! Módulo Objetivo - Matemática FGV 2010/1-13.12.2009

Resolução feita pelo Intergraus! Módulo Objetivo - Matemática FGV 2010/1-13.12.2009 FGV 010/1-13.1.009 VESTIBULAR FGV 010 DEZEMBRO 009 MÓDULO OBJETIVO PROVA TIPO A PROVA DE MATEMÁTICA QUESTÃO 1 (Prova: Tipo B Resposta E; Tipo C Resposta C; Tipo D Resposta A) O gráfico abaio fornece o

Leia mais

Álbum: O caminho é o Céu

Álbum: O caminho é o Céu Álbum: O caminho é o Céu ETERNA ADORAÇÃO Não há outro Deus que seja digno como tu. Não há, nem haverá outro Deus como tu. Pra te adorar, te exaltar foi que eu nasci, Senhor! Pra te adorar, te exaltar foi

Leia mais

Bem - Aventuranças. Conselho Inter-paroquial de Catequese Lamas, 22 de Novembro de 2007

Bem - Aventuranças. Conselho Inter-paroquial de Catequese Lamas, 22 de Novembro de 2007 Bem - Aventuranças Conselho Inter-paroquial de Catequese Lamas, 22 de Novembro de 2007 Eu estou à tua porta a bater, Eu estou à tua porta a bater, Se me abrires a porta entrarei para enviar. Eu preciso

Leia mais

O Canto Litúrgico. Como escolher os cantos para nossas celebrações?

O Canto Litúrgico. Como escolher os cantos para nossas celebrações? O Canto Litúrgico Como escolher os cantos para nossas celebrações? O que é Liturgia? Liturgia é antes de tudo "serviço do povo", essa experiência é fruto de uma vivencia fraterna, ou seja, é o culto, é

Leia mais

SE SOUBERMOS PERDOAR Ó CARA IRMÃ CLARA, SE SOUBERMOS PERDOAR

SE SOUBERMOS PERDOAR Ó CARA IRMÃ CLARA, SE SOUBERMOS PERDOAR CANTO 1 - LOUVOR DA CRIAÇÃO D Bm G Em A7 D Bm G Em A7 Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia! D F#m G Em A7 1. Javé o nosso Deus é poderoso, seu nome é grande em todas as nações D F#m G Em A7 Na boca das crianças

Leia mais

Fa la de Ben to Ser ras, co bra dor de bi lhe tes, nas ci do e mo ra dor em Amo rins:

Fa la de Ben to Ser ras, co bra dor de bi lhe tes, nas ci do e mo ra dor em Amo rins: Fa la de Ben to Ser ras, co bra dor de bi lhe tes, nas ci do e mo ra dor em Amo rins: «Diz que quer con tar tu do dos prin cí pios? Dos prin cí pios a gen te nun ca sa be. Quan do é o ca so de se lhe pôr

Leia mais

w w w. v o c e s a. c o m. b r SEFAZ BAHIA

w w w. v o c e s a. c o m. b r SEFAZ BAHIA sumário executivo w w w. v o c e s a. c o m. b r w w w. e x a m e. c o m. b r melhores empresas para você trabalhar São Pau lo, setembro de 2010. Pre za do(a) Sr(a)., SEFAZ BAHIA Em pri mei ro lu gar,

Leia mais

MATERIAL DO ALUNO PARA RECORTAR

MATERIAL DO ALUNO PARA RECORTAR MATERIAL DO ALUNO PARA RECORTAR O Sonho de Renato O Sonho de Renato a e i o u A E I O U so nho de Re na to Eu sou Renato Valadares Batista. Tenho 14 anos. Sou filho de Pedro Batista e Luzia Valadares.

Leia mais

JESUS CRISTO FOI CONCEBIDO PELO PODER DO ESPÍRITO SANTO, E NASCEU DA VIRGEM MARIA (CONT)

JESUS CRISTO FOI CONCEBIDO PELO PODER DO ESPÍRITO SANTO, E NASCEU DA VIRGEM MARIA (CONT) JESUS CRISTO FOI CONCEBIDO PELO PODER DO ESPÍRITO SANTO, E NASCEU DA VIRGEM MARIA (CONT) 11-02-2012 Catequese com adultos 11-12 Chave de Bronze Em que sentido toda a vida de Cristo é Mistério? Toda a vida

Leia mais

Ainda há Tempo, Volta

Ainda há Tempo, Volta Ainda há empo, Volta Letra e Música: Diogo Marques oprano ontralto Intro Envolvente (q = 60) enor aixo Piano Ó Œ. R.. F m7 2 A b 2 E b.. 2 Ó Œ É 2 Ó Œ F m7 2.. 2 2 A b 2 2 Ainda há empo, Volta Estrofe

Leia mais

CANTOS - Novena de Natal

CANTOS - Novena de Natal 1 1 - Refrão Meditativo (Ritmo: Toada) D A7 D % G Em A7 % Onde reina o amor, frater---no amor. D A7 D % G A7 D Onde reina o amor, Deus aí está! 2 - Deus Trino (Ritmo: Balada) G % % C Em nome do Pai / Em

Leia mais

1-SANTÍSSIMA TRINDADE

1-SANTÍSSIMA TRINDADE Ordinário 1-SANTÍSSIMA TRINDADE A E7 A A7 D BM A E7 A EM NOME DO PAI, EM NOME DO FILHO, EM NOME DO ESPÍRITO SANTO, ESTAMOS AQUI. (BIS) D E C#M F#M BM E7 A D E C#M F#M PARA LOUVAR E AGRADECER, BENDIZER

Leia mais

Toda bíblia é comunicação

Toda bíblia é comunicação Toda bíblia é comunicação Toda bíblia é comunicação de um Deus amor, de um Deus irmão. É feliz quem crê na revelação, quem tem Deus no coração. Jesus Cristo é a palavra, pura imagem de Deus Pai. Ele é

Leia mais

CULTO DE ABERTURA DO SEMESTRE FACULDADES EST- 24/02/2013 2 º DOMINGO DE QUARESMA LITURGIA DE ENTRADA

CULTO DE ABERTURA DO SEMESTRE FACULDADES EST- 24/02/2013 2 º DOMINGO DE QUARESMA LITURGIA DE ENTRADA CULTO DE ABERTURA DO SEMESTRE FACULDADES EST- 24/02/2013 2 º DOMINGO DE QUARESMA LITURGIA DE ENTRADA Assim nós invocamos a presença de Deus Pai, Filho e Espírito Santo. Amém. Hino: HPD II 330 Abraço de

Leia mais

Catequese e adoração das crianças ao Santíssimo Sacramento

Catequese e adoração das crianças ao Santíssimo Sacramento Catequese e adoração das crianças ao Santíssimo Sacramento Paróquia de Calheiros, 1 e 2 de Março de 2008 Orientadas por: Luís Baeta CÂNTICOS E ORAÇÕES CÂNTICOS CRISTO VIVE EM MIM Cristo vive em mim, que

Leia mais

ORAÇÃO EM FAMÍLIA Quaresma e Tempo Pascal

ORAÇÃO EM FAMÍLIA Quaresma e Tempo Pascal 1 PARÓQUIA DE Nª SRª DA CONCEIÇÃO, MATRIZ DE PORTIMÃO ORAÇÃO EM FAMÍLIA Quaresma e Tempo Pascal (O Ícone da Sagrada Família deve ser colocado na sala, num lugar de relevo e devidamente preparado com uma

Leia mais

JESUS É A LUZ DO MUNDO João 8.12 Pr. Vlademir Silveira IBME 24/03/13

JESUS É A LUZ DO MUNDO João 8.12 Pr. Vlademir Silveira IBME 24/03/13 JESUS É A LUZ DO MUNDO João 8.12 Pr. Vlademir Silveira IBME 24/03/13 INTRODUÇÃO O Evangelho de João registra 7 afirmações notáveis de Jesus Cristo. Todas começam com Eu sou. Jesus disse: Eu sou o pão vivo

Leia mais

Nossa Senhora Chitãozinho & Xororó Cubra-me com seu manto de amor Guarda-me na paz desse olhar Cura-me as feridas e a dor me faz suportar

Nossa Senhora Chitãozinho & Xororó Cubra-me com seu manto de amor Guarda-me na paz desse olhar Cura-me as feridas e a dor me faz suportar Nossa Senhora Chitãozinho & Xororó Cubra-me com seu manto de amor Guarda-me na paz desse olhar Cura-me as feridas e a dor me faz suportar Que as pedras do meu caminho Meus pés suportem pisar Mesmo ferido

Leia mais

COMUNIDADE DA VILA IGREJA PRESBITERIANA. Som da Vila. Cifras e Fichas Técnicas

COMUNIDADE DA VILA IGREJA PRESBITERIANA. Som da Vila. Cifras e Fichas Técnicas COMUNIDADE DA VILA IGREJA PRESBITERIANA Som da Vila Cifras e Fichas Técnicas Músicas 1. Nosso Louvor... 3 2. És... 4 3. Toda Honra, Glória e Louvor... 5 4. Agora e Sempre... 6 5. Àquele que pode... 7 6.

Leia mais

n o m urd ne Hel e n o mis

n o m urd ne Hel e n o mis Em nosso cotidiano existem infinitas tarefas que uma criança autista não é capaz de realizar sozinha, mas irá torna-se capaz de realizar qualquer atividade, se alguém lhe der instruções, fizer uma demonstração

Leia mais

Correção da Unicamp 2009 2ª fase - Matemática feita pelo Intergraus. 14.01.2009

Correção da Unicamp 2009 2ª fase - Matemática feita pelo Intergraus. 14.01.2009 MATEMÁTICA 1. O transporte de carga ao porto de Santos é feito por meio de rodovias, ferrovias e dutovias. A tabela abaixo for ne ce al guns da dos re la ti vos ao trans por te ao por to no pri me i ro

Leia mais

Consagração do Aposento. Hinos de DESPACHO Hinos de CONCENTRAÇÃO Hinário CRUZEIRINHO Mestre Irineu Hinos de ENCERRAMENTO

Consagração do Aposento. Hinos de DESPACHO Hinos de CONCENTRAÇÃO Hinário CRUZEIRINHO Mestre Irineu Hinos de ENCERRAMENTO Oração Pai Nosso Ave Maria Chave Harmonia Hinos da ORAÇÃO Consagração do Aposento Hinos de DESPACHO Hinos de CONCENTRAÇÃO Hinário CRUZEIRINHO Mestre Irineu Hinos de ENCERRAMENTO Pai Nosso - Ave Maria Prece

Leia mais

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar MELHORES MOMENTOS Expressão de Louvor Acordar bem cedo e ver o dia a nascer e o mato, molhado, anunciando o cuidado. Sob o brilho intenso como espelho a reluzir. Desvendando o mais profundo abismo, minha

Leia mais

ABRI AS PORTAS A CRISTO (Hino ao Beato João Paulo II)

ABRI AS PORTAS A CRISTO (Hino ao Beato João Paulo II) Órg. 6 11 q = 60 me mf ortas a ris to! Não te mais, não te nhais do: 'scanca rai o vosso cora ção ao mor de Deus. RI POR RIO (Hino ao eato João Paulo II) ortas a ris to! Não te mais não te nhais me do;

Leia mais

RITOS INICIAIS. 32 não como a aliança que fiz com seus pais, quando os tomei pela mão para retirá-los da terra do Egito, e

RITOS INICIAIS. 32 não como a aliança que fiz com seus pais, quando os tomei pela mão para retirá-los da terra do Egito, e O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 22 de março de 2015 - Nº 19 QUINTO DOMINGO DA QUARESMA CAMPANHA DA FRATERNIDADE - FRATERNIDADE: IGREJA E SOCIEDADE. Cor Litúrgica:

Leia mais

Vivendo a Liturgia Ano A

Vivendo a Liturgia Ano A Vivendo a Liturgia Junho/2011 Vivendo a Liturgia Ano A SOLENIDADE DA ASCENSÃO DO SENHOR (05/06/11) A cor litúrgica continua sendo a branca. Pode-se preparar um mural com uma das frases: Ide a anunciai

Leia mais

Sa i ba mais so bre Fator Previdenciário Págs. 10 a 13. O que você pre ci sa saber sobre re ci cla gem de lixo Pág. 20

Sa i ba mais so bre Fator Previdenciário Págs. 10 a 13. O que você pre ci sa saber sobre re ci cla gem de lixo Pág. 20 Sa i ba mais so bre Fator Previdenciário Págs. 10 a 13 O que você pre ci sa saber sobre re ci cla gem de lixo Pág. 20 To dos so mos igua is, ape nas te - mos di fi cul da des di fe ren tes. Le o nar do

Leia mais

CD: Ao Sentir. Alencastro e Patrícia. 1- Ao Sentir Jairinho. Ao sentir o mundo ao meu redor. Nada vi que pudesse ser real

CD: Ao Sentir. Alencastro e Patrícia. 1- Ao Sentir Jairinho. Ao sentir o mundo ao meu redor. Nada vi que pudesse ser real Alencastro e Patrícia CD: Ao Sentir 1- Ao Sentir Jairinho Ao sentir o mundo ao meu redor Nada vi que pudesse ser real Percebi que todos buscam paz porém em vão Pois naquilo que procuram, não há solução,

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DOS COLABORADORES DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO ANTONIO PEDRO -ACHUAP-

ASSOCIAÇÃO DOS COLABORADORES DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO ANTONIO PEDRO -ACHUAP- 1 ASSOCIAÇÃO DOS COLABORADORES DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO ANTONIO PEDRO -ACHUAP- DIA 15.06.2010 MOMENTO ORANTE ECUMÊNICO PELA PASSAGEM DO 59º ANIVERSÁRIO DA ACHUAP (para propiciar momento de silêncio e

Leia mais

CAMINHOS. Caminhos (Prov. 14:12) Paulo Cezar e Jayro T. Gonçalves

CAMINHOS. Caminhos (Prov. 14:12) Paulo Cezar e Jayro T. Gonçalves CAMINHOS Caminhos (Prov. 14:12) Paulo Cezar e Jayro T. Gonçalves Posso pensar nos meus planos Pros dias e anos que, enfim, Tenho que, neste mundo, Minha vida envolver Mas plenas paz não posso alcançar.

Leia mais

PERTO DE TI AUTOR: SILAS SOUZA MAGALHÃES. Tu és meu salvador. Minha rocha eterna. Tu és minha justiça, ó Deus. Tu és Jesus, amado da Minh alma.

PERTO DE TI AUTOR: SILAS SOUZA MAGALHÃES. Tu és meu salvador. Minha rocha eterna. Tu és minha justiça, ó Deus. Tu és Jesus, amado da Minh alma. PERTO DE TI Tu és meu salvador. Minha rocha eterna. Tu és minha justiça, ó Deus. Tu és Jesus, amado da Minh alma. Jesus! Perto de ti, sou mais e mais. Obedeço a tua voz. Pois eu sei que tu és Senhor, o

Leia mais

Resolução de Matemática da Prova Objetiva FGV Administração - 06-06-10

Resolução de Matemática da Prova Objetiva FGV Administração - 06-06-10 QUESTÃO 1 VESTIBULAR FGV 010 JUNHO/010 RESOLUÇÃO DAS 15 QUESTÕES DE MATEMÁTICA DA PROVA DA MANHÃ MÓDULO OBJETIVO PROVA TIPO A O mon i tor de um note book tem formato retangular com a di ag o nal medindo

Leia mais

9.Mais Alto Apresent. Oferendas. 7.Quero ouvir Tua Palavra Aclamação C Am7 Quero ouvir tua palavra. 8. Sê Bendito, Senhor, para sempre

9.Mais Alto Apresent. Oferendas. 7.Quero ouvir Tua Palavra Aclamação C Am7 Quero ouvir tua palavra. 8. Sê Bendito, Senhor, para sempre antos Tempo Quaresmal 2014 É para a liberdade que risto nos libertou (l. 5, 1) 1.Hino da 2014 anto de ntrada e inal Bm m D É para a liberdade que risto nos libertou, #m Bm Jesus libertador! #7 Bm É para

Leia mais

Questionário sobre o Ensino de Leitura

Questionário sobre o Ensino de Leitura ANEXO 1 Questionário sobre o Ensino de Leitura 1. Sexo Masculino Feminino 2. Idade 3. Profissão 4. Ao trabalhar a leitura é melhor primeiro ensinar os fonemas (vogais, consoantes e ditongos), depois as

Leia mais

10.1 Objetivos, Conceitos e Funções. Os obje ti vos prin ci pais do con tro le orça men tá rio são: Responsabilidade pelo Controle Orçamentário

10.1 Objetivos, Conceitos e Funções. Os obje ti vos prin ci pais do con tro le orça men tá rio são: Responsabilidade pelo Controle Orçamentário Capítulo 10 Controle Orçamentário Essa etapa acon te ce após a exe cu ção das tran sa ções dos even tos eco nô mi cos pre vis - tos no plano orça men tá rio. Não se con ce be um plano orça men tá rio sem

Leia mais

CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo. CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo

CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo. CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo Tens uma tarefa importante para realizar: 1- Dirige-te a alguém da tua confiança. 2- Faz a pergunta: O que admiras mais em Jesus? 3- Regista a resposta nas linhas.

Leia mais

A Apostolicidade da Fé

A Apostolicidade da Fé EMBARGO ATÉ ÀS 18H30M DO DIA 10 DE MARÇO DE 2013 A Apostolicidade da Fé Catequese do 4º Domingo da Quaresma Sé Patriarcal, 10 de Março de 2013 1. A fé da Igreja recebemo-la dos Apóstolos de Jesus. A eles

Leia mais

Cantarei ao meu Senhor (Caderno de Partituras) Letra e música: Ir. Miria Therezinha Kolling, ICM

Cantarei ao meu Senhor (Caderno de Partituras) Letra e música: Ir. Miria Therezinha Kolling, ICM antarei ao meu Senhor (aderno de Partituras) Letra e música: Ir. Miria Therezinha Koing, IM 2012 antarei ao meu Senhor... Quando os tambores e batuques africanos começaram a soar soenemente, anunciando

Leia mais

CD - EU TE CHAMEI IGREJA BATISTA FONTE DE VIDA

CD - EU TE CHAMEI IGREJA BATISTA FONTE DE VIDA ifras Sacerdotes da Adoração - EU TE HAMEI IREJA BATISTA FONTE E VIA MINISTÉRIO E LOUVOR- IREJA BATISTA FONTE E VIA EIÇÃO E IFRAS ALTON BIANHI IFRAS Sacerdotes da Adoração EU TE HAMEI 1. Palavra de vitória

Leia mais

CD CEM ANOS DE DEDICAÇÃO

CD CEM ANOS DE DEDICAÇÃO aixa 1 ANTO DE ENTRADA Nosso arisma, na Espanha, surgiu Am Em A Imaculada foi quem a inspirou armen Sallés pra juventude olhou D Educação, nosso gesto de amor E, por isso, estamos aqui, Senhor, Dm 7 Hoje,

Leia mais

Vício é uma palavra proveniente do latim vitium que significa falha ou defeito; é um mau hábito que causa dependência física ou emocional; é uma fuga

Vício é uma palavra proveniente do latim vitium que significa falha ou defeito; é um mau hábito que causa dependência física ou emocional; é uma fuga Introdução Ouço uma voz que me diz: O homem necessita de alguém que lhe esclareça quem ele é, que o instrua acerca de seus deveres, que o dirija para a virtude, renove seu coração, que o restabeleça em

Leia mais

Entrada da Palavra: Comentário da Palavra: Permaneçamos em pé para acolher o Livro Santo de Nossa Fé, a Palavra de Deus, cantando.

Entrada da Palavra: Comentário da Palavra: Permaneçamos em pé para acolher o Livro Santo de Nossa Fé, a Palavra de Deus, cantando. Celebração de Encerramento PREPARAR 1. Bíblia e velas para a Procissão de Entrada da Palavra 2. Sementes de girassóis para cada catequista depositar num prato com terra diante do altar durante a homilia

Leia mais

A grande refeição é aquela que fazemos em torno da Mesa da Eucaristia.

A grande refeição é aquela que fazemos em torno da Mesa da Eucaristia. EUCARISTIA GESTO DO AMOR DE DEUS Fazer memória é recordar fatos passados que animam o tempo presente em rumo a um futuro melhor. O povo de Deus sempre procurou recordar os grandes fatos do passado para

Leia mais

UM CANTO NOVO EU CANTAREI UM CANTO NOVO EU CANTAREI UM CANTO NOVO MESMO QUE TUDO CONCORRA PRA NÃO MESMO QUE TUDO QUEIRA ME DESTRUIR

UM CANTO NOVO EU CANTAREI UM CANTO NOVO EU CANTAREI UM CANTO NOVO MESMO QUE TUDO CONCORRA PRA NÃO MESMO QUE TUDO QUEIRA ME DESTRUIR UM ANTO NOVO A9 A4 EU ANTAREI UM ANTO NOVO F#m7 9 EU ANTAREI UM ANTO NOVO Bm7 #m7 MESMO QUE TUDO ONORRA PRA NÃO D7M Esus MESMO QUE TUDO QUEIRA ME DESTRUIR A9 A4 DEUS VÊ E UIDA DE MIM F#m7 9 DEUS VÊ E UIDA

Leia mais

Celebração do Dia Nacional do Catequista 30 de agosto de 2015

Celebração do Dia Nacional do Catequista 30 de agosto de 2015 Celebração do Dia Nacional do Catequista 30 de agosto de 2015 Introdução: Educar na fé, para a paz, a justiça e a caridade Este ano a Igreja no Brasil está envolvida em dois projetos interligados: a lembrança

Leia mais

UNICAMP 2012 (2ª Fase)

UNICAMP 2012 (2ª Fase) 1. Re so lu ção (se rá con si de ra do ape nas o que es ti ver den tro des te es pa ço). a)...in te res se do pú bli co (L1): Tra ta-se de um subs tan ti vo pos to que de ter mi na do pe lo ar ti go o,

Leia mais

Preparativos: Uma cruz grande; a Bíblia, velas e duas ou mais bacias com água; um presidente, dois leitores e um comentarista.

Preparativos: Uma cruz grande; a Bíblia, velas e duas ou mais bacias com água; um presidente, dois leitores e um comentarista. Preparativos: Uma cruz grande; a Bíblia, velas e duas ou mais bacias com água; um presidente, dois leitores e um comentarista. COMENTARISTA: Bem-vindos, irmãos e irmãs! Juntos nos colocamos diante da misericórdia

Leia mais

VESTIBULAR UNICAMP 2010-1ª FASE - NOVEMBRO/2009

VESTIBULAR UNICAMP 2010-1ª FASE - NOVEMBRO/2009 VESTIBULAR UNICAMP 2010-1ª FASE - NOVEMBRO/2009 Comentário da Redação Nes te ano, a pro va de Re da ção da Uni camp foi ex ce len te. Em pri me i ro lu gar, pelo res pe i to ao for ma to tra di ci o nal

Leia mais

LIVRO DE CIFRAS Página 1 colodedeus.com.br

LIVRO DE CIFRAS Página 1 colodedeus.com.br LIVRO DE CIFRAS Página 1 Página 2 Página 3 ACENDE A CHAMA AUTOR: HUGO SANTOS Intro: A F#m D A F#m D A F#m D Quero Te ver, acende a Chama em mim Bm F#m A Vem com Teu Fogo, vem queimar meu coração Bm F#m

Leia mais

1 - VERBO - João 1:1-3, 14. Intro - (F, Bb, F, Bb) 2x (F, Bb, Dm7, Bb9) 2x

1 - VERBO - João 1:1-3, 14. Intro - (F, Bb, F, Bb) 2x (F, Bb, Dm7, Bb9) 2x 1 - VERBO - João 1:1-3, 14 Intro - (, Bb,, Bb) 2x (, Bb, Dm7, Bb9) 2x Bb m Bb No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus Bb m Dm E o Verbo era Deus. Ele estava no princípio com Deus m /A Bb Todas

Leia mais

CELEBRAÇÃO ARCIPRESTAL DA EUCARISTIA EM ANO DA FÉ

CELEBRAÇÃO ARCIPRESTAL DA EUCARISTIA EM ANO DA FÉ CELEBRAÇÃO ARCIPRESTAL DA EUCARISTIA EM ANO DA FÉ SEIA 23 DE JUNHO 2013 ENTRADA NÓS SOMOS AS PEDRAS VIVAS DO TEMPLO DO SENHOR, NÓS SOMOS AS PEDRAS VIVAS DO TEMPLO DO SENHOR, POVO SACERDOTAL, IGREJA SANTA

Leia mais

COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA São José do Rio Preto MÚSICAS PARA A MISSA DO DIA DOS PAIS 07 DE AGOSTO DE 2008

COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA São José do Rio Preto MÚSICAS PARA A MISSA DO DIA DOS PAIS 07 DE AGOSTO DE 2008 COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA São José do Rio Preto MÚSICAS PARA A MISSA DO DIA DOS PAIS 07 DE AGOSTO DE 2008 1. ENTRADA (Deixa a luz do céu entrar) Tu anseias, eu bem sei, por salvação,

Leia mais

NOVENA A SÃO PEREGRINO: PROTETOR DOS DOENTES DE CÂNCER. Comentarista: Quem foi São Peregrino? São Peregrino, foi um frade da Ordem dos

NOVENA A SÃO PEREGRINO: PROTETOR DOS DOENTES DE CÂNCER. Comentarista: Quem foi São Peregrino? São Peregrino, foi um frade da Ordem dos NOVENA A SÃO PEREGRINO: PROTETOR DOS DOENTES DE CÂNCER Comentarista: Quem foi São Peregrino? São Peregrino, foi um frade da Ordem dos Servos de Maria e ficou conhecido como o protetor contra o câncer.

Leia mais

DIA DE ORAÇÃO PELA JMJ RIO2013

DIA DE ORAÇÃO PELA JMJ RIO2013 ROTEIRO PARA O DIA DE ORAÇÃO PELA JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE RIO2013 Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude - CNBB CANTO DE ENTRADA (Canto a escolha) (Este momento de oração pode ser associado

Leia mais

Mateus 4, 1-11. Respondeu-lhe Jesus: «Vai-te, Satanás, pois está escrito: Ao Senhor, teu Deus, adorarás e só a Ele prestarás culto.

Mateus 4, 1-11. Respondeu-lhe Jesus: «Vai-te, Satanás, pois está escrito: Ao Senhor, teu Deus, adorarás e só a Ele prestarás culto. Mateus 4, 1-11 Respondeu-lhe Jesus: «Vai-te, Satanás, pois está escrito: Ao Senhor, teu Deus, adorarás e só a Ele prestarás culto.». Este caminho de 40 dias de jejum, de oração, de solidariedade, vai colocar-te

Leia mais

Oração na Vida Diária

Oração na Vida Diária Oração na Vida Diária Caro jovem,, Que alegria saber que como você muitos jovens estão encontrando um caminho para a oração pessoal e diária. Continue animado com a busca de um relacionamento mais pessoal

Leia mais

botika búfalo Bufalo v7.indd 3 17/09/10 17:22

botika búfalo Bufalo v7.indd 3 17/09/10 17:22 botika búfalo Bufalo v7.indd 3 17/09/10 17:22 sumário Introdução... 17 Gua ra ná Porrada... 25 Muletas... 39 Exó ti cas gan gues... 47 Um mons tro e um pinguim... 55 Si ga o cão... 61 Dia de campeão...

Leia mais

Adoração ao Santíssimo Sacramento. Catequese Paroquial de Nossa Senhora da Lapa. 4 de Março de 2014

Adoração ao Santíssimo Sacramento. Catequese Paroquial de Nossa Senhora da Lapa. 4 de Março de 2014 Adoração ao Santíssimo Sacramento Catequese Paroquial de Nossa Senhora da Lapa 4 de Março de 2014 Leitor: Quando nós, cristãos, confessamos a Trindade de Deus, queremos afirmar que Deus não é um ser solitário,

Leia mais

PARÓQUIA SÃO SEBASTIÃO E SÃO VICENTE CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA DA VÍGILIA DE PENTECOSTES COM OFÍCIO DIVINO Comunidade São Sebastião 19h30min

PARÓQUIA SÃO SEBASTIÃO E SÃO VICENTE CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA DA VÍGILIA DE PENTECOSTES COM OFÍCIO DIVINO Comunidade São Sebastião 19h30min PARÓQUIA SÃO SEBASTIÃO E SÃO VICENTE CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA DA VÍGILIA DE PENTECOSTES COM OFÍCIO DIVINO Comunidade São Sebastião 19h30min Terço Como de costume RITOS INICIAIS Enquanto se entoa o refrão

Leia mais

OUTRAS ORAÇÕES PAI NOSSO ORAÇÃO A SÃO JERÔNIMO. Pai nosso que estais nos céus. Santificado seja o vosso nome. Venha a nós o vosso reino

OUTRAS ORAÇÕES PAI NOSSO ORAÇÃO A SÃO JERÔNIMO. Pai nosso que estais nos céus. Santificado seja o vosso nome. Venha a nós o vosso reino OUTRAS ORAÇÕES PAI NOSSO Pai nosso que estais nos céus Santificado seja o vosso nome Venha a nós o vosso reino Seja feita a vossa vontade Assim na Terra como no Céu O pão nosso de cada dia nos dai hoje

Leia mais

ANO B. DOMINGO II DA PÁSCOA ou da Divina Misericórdia. (Outras intenções: adultos e crianças baptizados nesta Páscoa...).

ANO B. DOMINGO II DA PÁSCOA ou da Divina Misericórdia. (Outras intenções: adultos e crianças baptizados nesta Páscoa...). 122 ANO B DOMINGO II DA PÁSCOA ou da Divina Misericórdia (Se estiverem presentes adultos que tenham sido baptizados na última Páscoa, as intenções da oração dos fiéis poderão hoje ser propostas por eles).

Leia mais

Vinho Novo Viver de Verdade

Vinho Novo Viver de Verdade Vinho Novo Viver de Verdade 1 - FILHOS DE DEUS - BR-LR5-11-00023 LUIZ CARLOS CARDOSO QUERO SUBIR AO MONTE DO SENHOR QUERO PERMANECER NO SANTO LUGAR QUERO LEVAR A ARCA DA ADORAÇÃO QUERO HABITAR NA CASA

Leia mais

Caridade quaresmal. Oração Pai-nosso S. João Bosco Rogai por nós. Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Bom dia a todos!

Caridade quaresmal. Oração Pai-nosso S. João Bosco Rogai por nós. Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Bom dia a todos! 2ª feira, 09 de março: Dar esmola Bom dia! Há gestos que nesta altura a quaresma, ganham uma dimensão ainda maior. Enchem-nos. Um dia, uma mulher vestida de trapos velhos percorria as ruas de uma aldeia

Leia mais

QUEM ANUNCIA AS BOAS NOVAS COOPERA COM O CRESCIMENTO DA IGREJA. II Reunião Executiva 01 de Maio de 2015 São Luís - MA

QUEM ANUNCIA AS BOAS NOVAS COOPERA COM O CRESCIMENTO DA IGREJA. II Reunião Executiva 01 de Maio de 2015 São Luís - MA QUEM ANUNCIA AS BOAS NOVAS COOPERA COM O CRESCIMENTO DA IGREJA II Reunião Executiva 01 de Maio de 2015 São Luís - MA At 9.31 A igreja, na verdade, tinha paz por toda Judéia, Galiléia e Samaria, edificando-se

Leia mais

JESUS CRISTO PADECEU SOB PÔNCIO PILATOS, FOI CRUCIFICADO, MORTO E SEPULTADO

JESUS CRISTO PADECEU SOB PÔNCIO PILATOS, FOI CRUCIFICADO, MORTO E SEPULTADO JESUS CRISTO PADECEU SOB PÔNCIO PILATOS, FOI CRUCIFICADO, MORTO E SEPULTADO 25-02-2012 Catequese com adultos 11-12 Chave de Bronze Como se deu a entrada messiânica em Jerusalém? No tempo estabelecido,

Leia mais

A Pedagogia do cuidado

A Pedagogia do cuidado Roteiro de Oração na Vida Diária nº 23 A Pedagogia do cuidado Tempo forte na Igreja, inicia-se hoje nossa caminhada de preparação para a Páscoa, no rico tempo da quaresma. Como nos ciclos da natureza,

Leia mais

CELEBRAÇÃO PARA O DIA DO CATEQUISTA 2014

CELEBRAÇÃO PARA O DIA DO CATEQUISTA 2014 CELEBRAÇÃO PARA O DIA DO CATEQUISTA 2014 NO CAMINHO DO DISCIPULADO MISSIONÁRIO, A EXPERIÊNCIA DO ENCONCONTRO: TU ÉS O MESSIAS, O FILHO DO DEUS VIVO INTRODUÇÃO Queridos/as Catequistas! Com nossos cumprimentos

Leia mais

HOMILIA: A CARIDADE PASTORAL A SERVIÇO DO POVO DE DEUS (1 Pd 5,1-4; Sl 22; Mc 10, 41-45) Amados irmãos e irmãs na graça do Batismo!

HOMILIA: A CARIDADE PASTORAL A SERVIÇO DO POVO DE DEUS (1 Pd 5,1-4; Sl 22; Mc 10, 41-45) Amados irmãos e irmãs na graça do Batismo! HOMILIA: A CARIDADE PASTORAL A SERVIÇO DO POVO DE DEUS (1 Pd 5,1-4; Sl 22; Mc 10, 41-45) Amados irmãos e irmãs na graça do Batismo! A vida e o ministério do padre é um serviço. Configurado a Jesus, que

Leia mais

O DOCE SABOR D A D A D A E JESUS É FLOR, JESUS É AMOR, JESUS É FAVO DE CÉU D A D A D E A JESUS É FLOR, JESUS É AMOR, JESUS É FAVO DE CÉU

O DOCE SABOR D A D A D A E JESUS É FLOR, JESUS É AMOR, JESUS É FAVO DE CÉU D A D A D E A JESUS É FLOR, JESUS É AMOR, JESUS É FAVO DE CÉU O DOE SABOR A O DOE SABOR DA LOR D A ESTÁ NO DOE SABOR DO MEL D A D A D A E JESUS É LOR, JESUS É AMOR, JESUS É AVO DE ÉU D A D A D E A JESUS É LOR, JESUS É AMOR, JESUS É AVO DE ÉU anto coletivo, substituindo

Leia mais

Sites. www.bemestareconhecimento.weebly.com www.universoholisticodoser.weebly.com. Skype: filha.da.mata

Sites. www.bemestareconhecimento.weebly.com www.universoholisticodoser.weebly.com. Skype: filha.da.mata Sites www.bemestareconhecimento.weebly.com www.universoholisticodoser.weebly.com Skype: filha.da.mata Ritual para o Conselho Cármico Todas as pessoas encarnadas, nesta noite de 31 de (março, junho, setembro

Leia mais

Uni ver si da de lan ça gri fe com a mar ca PUC Mi nas

Uni ver si da de lan ça gri fe com a mar ca PUC Mi nas Informativo mensal da unidade Contagem da PUC Minas nº 78 Agosto de 2008 Uni ver si da de lan ça gri fe com a mar ca PUC Mi nas Com três li nhas de pro du tos bá si ca, es cri tó rio e es por ti va, a

Leia mais

DIRECTÓRIO GERAL DA CATEQUESE - SDCIA/ISCRA -2 Oração inicial Cântico - O Espírito do Senhor está sobre mim; Ele me enviou para anunciar aos pobres o Evangelho do Reino! Textos - Mc.16,15; Mt.28,19-20;

Leia mais

CANTOS DA MDJ CIFRADOS

CANTOS DA MDJ CIFRADOS CANTOS DA MDJ CIFRADOS HINO DA MDJ D Bm G A Juventude força do amor, faz da vida uma oração D Bm G A Ser discípulo do Senhor, enviado em missão F#m Bm 1- Quer a vida, vida de Deus F#m Bm Seus caminhos

Leia mais

CATEDRAL DIOCESANA DE CAMPINA GRANDE PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO

CATEDRAL DIOCESANA DE CAMPINA GRANDE PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO CATEDRAL DIOCESANA DE CAMPINA GRANDE PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO SOBRE NÓS FAZEI BRILHAR O ESPLENDOR DE VOSSA FACE! 3 º DOMINGO DA PÁSCOA- ANO B 22 DE ABRIL DE 2012 ANIM: (Saudações espontâneas)

Leia mais

igrejabatistaagape.org.br [1] Deus criou o ser humano para ter comunhão com Ele, mas ao criá-lo concedeu-lhe liberdade de escolha.

igrejabatistaagape.org.br [1] Deus criou o ser humano para ter comunhão com Ele, mas ao criá-lo concedeu-lhe liberdade de escolha. O Plano da Salvação Contribuição de Pr. Oswaldo F Gomes 11 de outubro de 2009 Como o pecado entrou no mundo e atingiu toda a raça humana? [1] Deus criou o ser humano para ter comunhão com Ele, mas ao criá-lo

Leia mais

MODALIDADES DE INSERÇÃO PROFISSIONAL DOS QUADROS SUPERIORES NAS EMPRESAS

MODALIDADES DE INSERÇÃO PROFISSIONAL DOS QUADROS SUPERIORES NAS EMPRESAS MODALIDADES DE INSERÇÃO PROFISSIONAL DOS QUADROS SUPERIORES NAS EMPRESAS João Pedro Cordeiro Resumo O presente artigo versa sobre as práticas de gestão de recursos humanos pelas empresas, e mais especificamente

Leia mais

Correção da Unicamp 2010 2ª fase - Geografia feita pelo Intergraus. 12.01.2010

Correção da Unicamp 2010 2ª fase - Geografia feita pelo Intergraus. 12.01.2010 UNICAMP 2010 - GEOGRAFIA 13. Ob serve o gráfico abaixo e responda às questões: a) Indi que a(s) re gião(ões) do glo bo com ta xa de es pe ran ça de vi da ao nas cer in fe ri or à mé dia mun di al, nos

Leia mais

Secretaria de Espiritualidade. Colaborar com a Presidente no planejamento da atividade de toda parte devocional da Sociedade.

Secretaria de Espiritualidade. Colaborar com a Presidente no planejamento da atividade de toda parte devocional da Sociedade. Secretaria de Espiritualidade Colaborar com a Presidente no planejamento da atividade de toda parte devocional da Sociedade. O que é liturgia? Roteiro do Culto; Ordem do Culto; Levar as pessoas a disposição

Leia mais

Acólitos. São João da Madeira. Cancioneiro

Acólitos. São João da Madeira. Cancioneiro Acólitos São João da Madeira Cancioneiro Índice Guiado pela mão...5 Vede Senhor...5 Se crês em Deus...5 Maria a boa mãe...5 Quanto esperei por este momento...6 Pois eu queria saber porquê?!...6 Dá-nos

Leia mais

EVANGELHO DE JOÃO, Cap. 3. Evangelho de João Cap. 3. 1 Havia, entre os fariseus, um homem chamado Nicodemos, um dos principais dos judeus.

EVANGELHO DE JOÃO, Cap. 3. Evangelho de João Cap. 3. 1 Havia, entre os fariseus, um homem chamado Nicodemos, um dos principais dos judeus. EVANGELHO DE JOÃO, Cap. 3 LEMBRETE IMPORTANTE: As palavras da bíblia, são somente as frases em preto Alguns comentários explicativos são colocados entre os versículos, em vermelho. Mas é apenas com o intuito

Leia mais

Boa Pro va! INSTRUÇÕES

Boa Pro va! INSTRUÇÕES INSTRUÇÕES Escreva um texto argumentativo. Seu texto deve apresentar introdução, desenvolvimento e conclusão. Cer ti fi que-se de ha ver es co lhi do um dos te mas pro pos tos e dê um tí tu lo a seu tex

Leia mais

HINÁRIO Transformação

HINÁRIO Transformação HINÁRIO Transformação Tema 2012: Flora Brasileira Pau-de-rosas (Physocalymma scaberrimum) www.hinarios.org Apolo 2 1 ORAÇÃO DA TRANSFORMAÇÃO Oh! Meu pai, livrai-me da autocomiseração e da preguiça. Dême

Leia mais

A Gonçalves no México I N F O R M A

A Gonçalves no México I N F O R M A I N F O R M A Novembro de 2007 Depois de atuar por quase três anos no México com um escritório comercial, a Gonçalves investe em uma unidade industrial no país, que entrará em operação no início de 2008.

Leia mais

1ª Carta de João. A Palavra da Vida. Deus é luz. Nós somos pecadores. Cristo, nosso defensor junto a Deus

1ª Carta de João. A Palavra da Vida. Deus é luz. Nós somos pecadores. Cristo, nosso defensor junto a Deus 1ª Carta de João A Palavra da Vida 1 1 O que era desde o princípio, o que ouvimos, o que vimos com os nossos olhos, o que contemplamos e o que as nossas mãos apalparam da Palavra da Vida 2 vida esta que

Leia mais

Recados do Espírito. Quem receber um destes meninos em meu nome é a mim que recebe. (Mc 9, 36-37)

Recados do Espírito. Quem receber um destes meninos em meu nome é a mim que recebe. (Mc 9, 36-37) Recados do Espírito Quem receber um destes meninos em meu nome é a mim que recebe. (Mc 9, 36-37) Que a vossa fé e a vossa esperança estejam postas em Deus (1 Pe 1,21) Descarrega sobre o Senhor os teus

Leia mais