Acupuntura Veterinária 2ª Turma Lato Sensu INESP

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Acupuntura Veterinária 2ª Turma Lato Sensu INESP"

Transcrição

1 Aula Inaugural Acupuntura Veterinária 2ª Turma Lato Sensu INESP 1. História da Acupuntura 1.1. História da Acupuntura geral 1.2. História da Acupuntura Veterinária 1.3. Filosofia chinesa taoísmo 1.4. Pensamento chinês X pensamento ocidental 1.5. Yin Yang Histórico 1.6. Introdução ao Cinco Movimentos 1.7. Introdução ao Zang Fu 1.8. Introdução aos acupontos e Meridianos 1.9. Introdução às técnicas de acupuntura Demonstração prática 2. Conceitos e fundamentos da medicina tradicional chinesa (MTC) 2.1. Substâncias fundamentais Qi Conceito Tipos e fontes Fisiologia Circulação Xue sangue Conceito Fontes Fisiologia Relação com as outras substâncias fundamentais Jin Ye líquidos orgânicos Conceito Tipos e fontes Formação e fisiologia Relação com as outras substâncias fundamentais Jing essência Conceito Tipos e fontes Formação e fisiologia Relação com as outras substâncias fundamentais

2 Shen mente Conceito Tipos e fontes Formação e fisiologia Relação com as outras substâncias fundamentais 2.2. Yin & Yang Conceito, Natureza, inter-relação Aplicação na MTC cinco princípios 2.3. Discussão de casos clínicos 3. Diagnóstico e tratamento na medicina tradicional chinesa 3.1. Cinco movimentos Wu Shu relação com os órgãos e vísceras pontos cinco movimentos na MTC: fisiologia, patologia, diagnóstico e tratamento padrões de controle: geração (Sheng), dominância (Ko), superdominância e contradominância 3.2. Sistemas internos Zang Fu órgãos e vísceras Zang Fu - funções relação dos Zang Fu com as substâncias fundamentais, tecidos, órgãos dos sentidos, emoções, clima, cores e sabores inter-relação entre Zang Fu 3.3. Casos clínicos 4. Causas e origens das patologias 4.1. Identificação dos padrões de acordo com os oito princípios Interior/exterior Frio/calor Excesso/deficiência Yin/Yang 4.2. Fatores Patogênicos Externos (vento, frio, calor, umidade, secura, fogo) 4.3. Fatores Patogênicos Internos: raiva, tristeza/pesar, preocupação, medo, choque, excesso de alegria Outros Fatores: nutrição, constituição, exercício (excesso ou deficiência), vacinações, medicações e outras Identificação dos padrões de acordo com Qi (deficiência, estagnação, rebelião e colapso), Xue (sangue), Jing, Shen e Jin Ye 4.6. Fisiologia e Síndromes dos órgãos e vísceras (Zang Fu) Pulmão e intestino grosso: fisiologia e patologias, trajeto anatômico, localização e função dos pontos Estômago e baço-pâncreas: fisiologia e patologias, trajeto anatômico, localização e função dos pontos Coração e intestino delgado: fisiologia e patologias, trajeto anatômico, localização e função dos pontos

3 Bexiga e rim: fisiologia e patologias Pericardio e triplo-aquecedor: fisiologia e patologias, trajeto anatômico, localização e função dos pontos Triplo-aquecedor e pericárdio: fisiologia e patologias Fígado e vesícula biliar: fisiologia e patologias, trajeto anatômico, localização e função dos pontos 4.7. Casos Clínicos Revisão e Avaliação 5. Anatomia dos pontos e meridianos (canais) 5.1. Meridianos (canais) principais Pulmão e intestino grosso: trajeto anatômico, localização e função dos pontos Estômago e baço-pâncreas: trajeto anatômico, localização e função dos pontos Coração e intestino delgado: trajeto anatômico, localização e função dos pontos Bexiga e rim: trajeto anatômico, localização e função dos pontos Pericárdio e triplo-aquecedor: trajeto anatômico, localização e função dos pontos Fígado e vesícula biliar: trajeto anatômico, localização e função dos pontos Vaso governador e Vaso da concepção: trajeto anatômico, localização e função dos pontos Meridianos (canais) extraordinários Vasos maravilhosos 5.2. Prática 6. Pontos de acupuntura 6.1. Origem, concepção filosófica, conceito científico, função, localização e características 6.2. Localização, classificação e função dos pontos: alarme (Mu), associação (Shu), assentimento ou Shu dorsais, fonte (Yuan), tonificação, sedação, conexão (Luo), de acúmulo de energia (Pontos Xi), gatilho (trigger) ou locais, extras, auriculares, mestres, de ações especiais ou influentes, pontos dos 5 movimentos, horários 6.3. Pontos requeridos para pequenos animais: Meridiano Pulmão (P): P-1, 5, 7, 9, Meridiano Intestino Grosso (IG): IG-1, 4, 10, 11, 15, Meridiano do Estômago (E): E-1, 2, 4, 6, 25, 35, 36, 40, 41, 44, Meridiano do Baço-Pâncreas (BP): BP-1, 3, 4, 6, 9, Meridiano do Coração (C): C-1, 3, 7, 8, Meridiano do Intestino Delgado (ID): ID-1, 3, 8, Meridiano da Bexiga (B): B-1, 2, 10 até 28, 35, 36, 39, 40, 52, 54, 60, 62, Meridiano do Rim (R): R-1, 3, 6, Meridiano do Pericárdio (Pc): Pc-1, 3, 6, 8, Meridiano Triplo Aquecedor (TA): TA-1, 3, 5, 10, 14, 17, 21, Meridiano da Vesícula Biliar (VB); VB-1, 2, 14, 20, 21, 24, 25, 29, 30, 31, 33, 34,

4 39, Meridiano do Fígado (F): F-2, 3, 8, 13, Meridiano Vaso Concepção (VC): VC-1, 3, 4, 5, 6, 8, 12, 14, 17, Meridiano do Vaso Governador: VG-1, Bai Hui, 3, 4, 14, 16, 20, 26, Pontos extras: Yin Tang e Xiyan 6.4. Prática 9. Eletroacupuntura - Neurofisiologia da acupuntura e eletroacupuntura analgésica 9.1. Acuponto 9.2. Teoria Nervosa 9.3. Teoria Humoral 9.4. Eletroacupuntura 9.5. Analgesia por acupuntura 9.6. Aula prática 8. Acupuntura em pequenos animais 8.1. Diagnóstico das principais patologias 8.2. Particularidades anatômicas 8.3. Pontos mais usados 8.4. Formas de tratamento e técnicas de Estímulo 8.5. Casos clínicos 8.6. Prática 7. Acupuntura Equina 7.1. Diagnóstico das principais patologias 7.2. Particularidades anatômicas 7.3. Pontos mais usados 7.4. Formas de tratamento e técnicas de estímulo 7.5. Pontos requeridos para eqüinos: Meridiano Pulmão (P): P-1, 5, 7, Meridiano Intestino Grosso (IG): IG-1, 4, 10, 11, 16, 17, 18, Meridiano do Estômago (E): E-1, 2, 4, 7, 10, 25, 35, 36, 40, Meridiano do Baço-Pâncreas (BP): BP-1, 6, Meridiano do Coração (C): C-7, Meridiano do Intestino Delgado (ID): ID-1, 3, 9, Meridiano da Bexiga (B): B-1, 2, 10 até 30, 36, 37, 39, 40, 54, 60, 62, Meridiano do Rim (R): R-1, 3, 7, 10, Meridiano do Pericárdio (Pc): Pc-1, 6, Meridiano Triplo Aquecedor (TA): TA-1, 5, 16, 17, Meridiano da Vesícula Biliar (VB); VB-1, 20, 21, 24, 25, 27, 28, 29, 30, 34, 39, 41, 44, GBB-DTC (IVAS) Meridiano do Fígado (F): F-1, 3, 4, 8, 13, Meridiano Vaso Concepção (VC): VC-1, 12, 14, Meridiano do Vaso Governador: VG-1, 4, 14, 20, 24, Pontos extras: SAN JIANG, WEI-JIAN, BAIHUI, DA-FENG MEN, ER-JIAN, LOULINGWU, XIYAN MEDIAL, QIAN-TI-TOU, QIAN-TIMEN, XUE-FU

5 Revisão e Avaliação 10. Técnicas e instrumentação Tipos de agulhas Técnicas de inserção Técnicas de sedação e tonificação Métodos de estimulação: moxa, vácuo, aquapuntura, agulha de fogo, martelo de várias pontas, agulha intradérmica e outros Instrumentos e equipamentos Implante de ouro 11. Principais patologias tratáveis por acupuntura Afecções de sistema nervoso e locomotor Afecções de pele e anexos Afecções de sistema urogenital Casos Clínicos Prática 12. Principais patologias tratáveis por acupuntura Afecções de sistema digestório Afecções de sistema cardiorrespiratório Afecções de sistema reprodutivo e endócrino Casos clínicos Prática 13. Seminário Pesquisas em Acupuntura Sistema nervoso e locomotor Sistema urogenital Sistema digestório Sistema cardiorrespiratório Sistema reprodutivo e endócrino Imunologia Revisão e Avaliação 14. Laserpuntura e Cromopuntura 14.1 Acupuntura e Fisioterapia 15. Acupuntura em Animais Silvestres Principais pontos e enfermidades 16. Indicações e contraindicações da Acupuntura Acupuntura em tumores Nutrição

6 17. Fitoterapia Revisão geral e Avaliação Monografia INSCRIÇÕES: IBRA - Instituto Brasileiro de Recursos Avançados Endereço: CEP: São Paulo SP Tel:(11)

Lista de pontos para exame do Título de Especialista em Acupuntura Veterinária

Lista de pontos para exame do Título de Especialista em Acupuntura Veterinária ANEXO 2 Lista de para exame do Título de Especialista em Acupuntura Veterinária 1. História da Acupuntura 1.1. História da acupuntura geral 1.2. História da Acupuntura Veterinária 1.3. Filosofia chinesa

Leia mais

PÓS GRADUAÇÃO EM MEDICINA VETERINÁRIA INÍCIO: 12 e 13 DE MARÇO DE 2016 DURAÇÃO: 24 meses COORDENADORES: Ms. Rafael Struffaldi De Vuono M.V. Thieska Ferreira Ramos INVESTIMENTO: R$530,00 inscrição + 24x

Leia mais

PÓS GRADUAÇÃO EM ACUPUNTURA VETERINÁRIA. INVESTIMENTO: R$530,00 inscrição + 24x R$530,00 ou x R$440,00 ou R$12.

PÓS GRADUAÇÃO EM ACUPUNTURA VETERINÁRIA. INVESTIMENTO: R$530,00 inscrição + 24x R$530,00 ou x R$440,00 ou R$12. DURAÇÃO: 24 meses COORDENADORES: PÓS GRADUAÇÃO EM ACUPUNTURA VETERINÁRIA Ms. Rafael Struffaldi De Vuono M.V. Thieska Ferreira Ramos INVESTIMENTO: R$530,00 inscrição + 24x R$530,00 ou 1 + 30x R$440,00 ou

Leia mais

MÉTODO DE SELEÇÃO DE PONTOS MÉTODO LOCAL DISTANTE

MÉTODO DE SELEÇÃO DE PONTOS MÉTODO LOCAL DISTANTE MÉTODO DE SELEÇÃO DE PONTOS MÉTODO LOCAL DISTANTE Como selecionar pontos? Critérios para selecionar pontos Que critérios são esses? Lembrete Diagnóstico pronto antes!!! QP Diagnóstico Principio de tratamento

Leia mais

Plano Curricular do Curso de Acupunctura Módulo I Horas Creditadas HP e HAEO Total

Plano Curricular do Curso de Acupunctura Módulo I Horas Creditadas HP e HAEO Total Plano Curricular do Curso de Acupunctura Módulo I Teoria Básica de MTC e Diagnóstico 235 Auriculopunctura 50 Diagnóstico da Língua 50 Módulo II Estrutura dos Meridianos e Pontos de 235 Acupunctura Diagnóstico

Leia mais

2º Final de Semana. Turma XLVI Curso de Especialização em Medicina Tradicional Chinesa - Acupuntura

2º Final de Semana. Turma XLVI Curso de Especialização em Medicina Tradicional Chinesa - Acupuntura 2º Final de Semana Turma XLVI Curso de Especialização em Medicina Tradicional Chinesa - Acupuntura Data Temas Professores 08/03/2014 - Introdução geral à Acupuntura. História da Acupuntura. Teoria de Yin

Leia mais

ACUPUNTURA PRATICAS CHINESA CURSO LIVRE DE ACUPUNTURA

ACUPUNTURA PRATICAS CHINESA CURSO LIVRE DE ACUPUNTURA ACUPUNTURA PRATICAS CHINESA CURSO LIVRE DE ACUPUNTURA Jorge Marcos Pereira Silveira Dori Edson Bovi Bianor Paulo Giordani Andrea Matielo Mari Bovi Maria Cecilia Vacaro Brasil FACILITADORES: CARGA HORÁRIA

Leia mais

Vasos Maravilhosos. Dr. Juliano C. Franceschi

Vasos Maravilhosos. Dr. Juliano C. Franceschi Vasos Maravilhosos Dr. Juliano C. Franceschi Vasos Maravilhosos Vaso Concepção (Ren( Mai) Yin Vaso Penetrador (Chong Mai) Vaso Yin de Conexão (Yin Wei Mai) Vaso Yin do Calcanhar (Yin Qiao Mai) Yang Vaso

Leia mais

ENERGIAS. Prof. Msc. Jean Luís s de Souza

ENERGIAS. Prof. Msc. Jean Luís s de Souza ENERGIAS Prof. Msc. Jean Luís s de Souza IPGU- Unisaúde Bibliografia O aparecimento e o desenvolvimento de uma doença a será o reflexo da luta entre o correto (reto) e o o perverso (nocivo) Força a do

Leia mais

Fisiologia dos meridianos e pontos energéticos. Profa. Alessandra Barone Prof. Archangelo P. Fernandes

Fisiologia dos meridianos e pontos energéticos. Profa. Alessandra Barone Prof. Archangelo P. Fernandes Fisiologia dos meridianos e pontos energéticos Profa. Alessandra Barone Prof. Archangelo P. Fernandes Meridianos Meridianos São canais energéticos do corpo conhecidos como Jing Luo (( 经络 ) Apresentam trajetos

Leia mais

SUBSTÂNCIAS FUNDAMENTAIS QI, XUE E JIN YE

SUBSTÂNCIAS FUNDAMENTAIS QI, XUE E JIN YE SUBSTÂNCIAS FUNDAMENTAIS QI, XUE E JIN YE Elaborado por Denise Darin MEDICINA OCIDENTAL X MEDICINA ORIENTAL A Medicina Ocidental está baseada na estrutura. * A Medicina Oriental (Medicina Tradicional Chinesa)

Leia mais

CANAIS E COLATERAIS ( 經絡 ) (JING LUO)

CANAIS E COLATERAIS ( 經絡 ) (JING LUO) CANAIS E COLATERAIS ( 經絡 ) (JING LUO) MERIDIANOS ORDINÁRIOS (JING MAI) São os canais principais de energia, ou seja, os canais nos quais são feitos os estímulos para que o corpo possa reestabelecer sua

Leia mais

DEFICIÊNCIA DO QI DO SHEN (RIM)

DEFICIÊNCIA DO QI DO SHEN (RIM) LOMBO-CIATALGIA Causas na Medicina Ocidental: Processo inflamatório local radicular, traumatismos, processos degenerativos, compressão, tumores, tensão ligamentar, osteoartrites (osteófitos), herniação

Leia mais

EXAME DE CONHECIMENTO PARA CONCESSÃO DE REGISTRO DO TÍTULO DE ESPECIALISTA NAS ÁREAS DA FISIOTERAPIA E DA TERAPIA OCUPACIONAL DATA - 20/11/2016

EXAME DE CONHECIMENTO PARA CONCESSÃO DE REGISTRO DO TÍTULO DE ESPECIALISTA NAS ÁREAS DA FISIOTERAPIA E DA TERAPIA OCUPACIONAL DATA - 20/11/2016 EXAME DE CONHECIMENTO PARA CONCESSÃO DE REGISTRO DO TÍTULO DE ESPECIALISTA NAS ÁREAS DA FISIOTERAPIA E DA TERAPIA OCUPACIONAL DATA - 20/11/2016 PROVA OBJETIVA ESPECIALIDADE: FISIOTERAPIA EM ACUPUNTURA/MTC

Leia mais

Título Resumido. Poço (Jing)

Título Resumido. Poço (Jing) Analgesia Tendinomuscular pelo Ponto Poço (Jing) Material elaborado pelo corpo docente da EBRAMEC / CIEFATO Para os cursos da Escola Brasileira de Medicina Chinesa Direção Geral: Dr. Reginaldo de Carvalho

Leia mais

ACUPUNTURA PARA ANIMAIS

ACUPUNTURA PARA ANIMAIS ACUPUNTURA PARA ANIMAIS Ft. Regina Stabile Bacchi RSB MTC PARA ANIMAIS 75% dos casos em MTC veterinária são de origem músculo esqueléticas. Ex: Espondilopatias degenerativas; Artrites; Artroses; Traumas

Leia mais

Koryo. Desvantagens: Apesar das agulhas serem pequenas, são doloridas. Aplicação de um maior número de agulhas. A localização dos pontos deve ser feit

Koryo. Desvantagens: Apesar das agulhas serem pequenas, são doloridas. Aplicação de um maior número de agulhas. A localização dos pontos deve ser feit Koryo o.vantagens: Fácil aplicação, manual ou c/ aplicador( simples ou automático). Não apresenta riscos Físicos. Acupuntura somente nas mãos. O Diagnóstico e Tratamento é muito mais simples que na Sistêmica,

Leia mais

CANAIS E COLATERAIS (JING-LUO)

CANAIS E COLATERAIS (JING-LUO) CANAIS E COLATERAIS (JING-LUO) A TEORIA DE JING-LUO ESTUDA AS ALTERAÇÕES FISIOPATOLÓGICAS DOS CANAIS E COLATERAIS E A RELAÇÃO ENTRE ESTES E OS ÓRGÃOS INTERNOS DO CORPO JING-LUO É O NOME DADO AO CONJUNTO

Leia mais

Acupuntura: Tradição e. Prof. Msc. Jean Luís de Souza Fisioterapeuta Acupunturista Presidente Sobrafisa Nacional Diretor da Faculdade Unisaúde

Acupuntura: Tradição e. Prof. Msc. Jean Luís de Souza Fisioterapeuta Acupunturista Presidente Sobrafisa Nacional Diretor da Faculdade Unisaúde Acupuntura: Tradição e Ciência Prof. Msc. Jean Luís de Souza Fisioterapeuta Acupunturista Presidente Sobrafisa Nacional Diretor da Faculdade Unisaúde Aspectos Legais da Especialidade de Acupuntura Portarias

Leia mais

Grade Curricular Formação de Especialista em Acupuntura

Grade Curricular Formação de Especialista em Acupuntura Grade Curricular Formação de Especialista em Acupuntura O IPGU- Instituto de Pós Graduação é uma instituição que ministra cursos nas diversas áreas da saúde, sendo o curso de Acupuntura seu cartão de visitas.

Leia mais

TÉCNICAS ACUPUNTURAIS E DE MEDICINA CHINESA

TÉCNICAS ACUPUNTURAIS E DE MEDICINA CHINESA CURSO: PROGRAMA CURRICULAR do curso de TÉCNICAS ACUPUNTURAIS E DE MEDICINA TÉCNICAS ACUPUNTURAIS E DE MEDICINA 2015/2016 DOCENTES: vários IDENTIFICAÇÃO DO CURSO Técnicas Acupunturais e de Medicina Chinesa

Leia mais

ACUPUNTURA PARA ANIMAIS

ACUPUNTURA PARA ANIMAIS ACUPUNTURA PARA ANIMAIS Ft. Regina Stabile Bacchi RSB MTC PARA ANIMAIS 75% dos casos em MTC veterinária são de origem músculo esqueléticas. Ex: Espondilopatias degenerativas; Artrites; Artroses; Traumas

Leia mais

10/10/2011. Anatomia. Fisiologia. Causa das doenças. Tratando Afecções do Sistema Cardio Vascular com MTC. Relacionando os sintomas com os problemas

10/10/2011. Anatomia. Fisiologia. Causa das doenças. Tratando Afecções do Sistema Cardio Vascular com MTC. Relacionando os sintomas com os problemas Tratando Afecções do Sistema Cardio Vascular com MTC Anatomia Dr. Eduardo Lobo Medicina Chinesa e Oncologia Veterinária Fisiologia Estresse, depressão, frustração, uso prolongado de drogas Estagnação de

Leia mais

CANAIS DE ENERGIA EXTRAORDINÁRIOS (QI JING BA MAI)

CANAIS DE ENERGIA EXTRAORDINÁRIOS (QI JING BA MAI) DISCIPLINA DE ACCE TURMA Profº. Marcos Martini www.marcosmartini.webnode.com.br martinipuntura@gmail.com CANAIS DE ENERGIA EXTRAORDINÁRIOS (QI JING BA MAI) 1 São as primeiras formações Arcaicas que aparecem

Leia mais

DISCIPLINA DE ACCE TURMA: Profº. Marcos Martini

DISCIPLINA DE ACCE TURMA: Profº. Marcos Martini DISCIPLINA DE ACCE TURMA: Profº. Marcos Martini www.marcosmartini.webnode.com.br martinipuntura@gmail.com CATEGORIAS DE PONTOS : CLASSIFICAÇÃO: Pontos de Tonificação; Pontos de Sedação; Pontos Fonte; Pontos

Leia mais

VASOS EXTRAORDINÁRIOS (QI JING BA MAI)

VASOS EXTRAORDINÁRIOS (QI JING BA MAI) DISCIPLINA DE ACCE TURMA: Profº. Marcos Martini www.marcosmartini.webnode.com.br martinipuntura@gmail.com VASOS EXTRAORDINÁRIOS (QI JING BA MAI) QI Extraordinários ; JING Canal ; BA Oito ; MAI Vaso. 1

Leia mais

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃOEM ACUPUNTURA DO COLÉGIO MÉDICO DE ACUPUNTURA CMA CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃOEM ACUPUNTURA DO COLÉGIO MÉDICO DE ACUPUNTURA CMA CONTEÚDO PROGRAMÁTICO MÓDULO I CURSO DE ESPECIALIZAÇÃOEM ACUPUNTURA DO COLÉGIO MÉDICO DE ACUPUNTURA CMA CONTEÚDO PROGRAMÁTICO Abertura do Curso Normas dos Cursos de Especialização do CMA Apresentação dos alunos Aula expositiva

Leia mais

PRI R NC N Í C PIOS O FU F N U D N A D M A E M NT N A T I A S DA D A MT M C

PRI R NC N Í C PIOS O FU F N U D N A D M A E M NT N A T I A S DA D A MT M C Curso livre de Qualificação Profissional em Medicina Chinesa FUNDAMENTOS TRADICIONAIS DA MTC PARTE 1 ABRACIF (Associação Brasileira Científica de Fisioterapia) PRINCÍPIOS FUNDAMENTAIS DA MTC esvazie sua

Leia mais

Introdução ao ZANG- FU

Introdução ao ZANG- FU Introdução ao ZANG- FU M.V. Celina Emiko Okamoto Acupunturista Veterinária celinaokamoto@hotmail.com e Prof. Ms. Daniel Mendes Netto Julho - 2009 CINCO MOVIMENTOS Madeira (F/ VB) Água (R/ B) Fogo (C/ ID/

Leia mais

Fatores Patogênicos Internos As. Emoções

Fatores Patogênicos Internos As. Emoções 情 QÍNG. Composto por: 心 XĪN, o coração 丹 DĀN Cinabre (Vermelho) 生 SHÉNG Vida, nascer, dar a vida DĀN + SHÉNG = Verde A força da seiva/essência que torna as plantas verdes, vitalidade das plantas. Interpretação

Leia mais

ACUPUNCTURA PARA FISIOTERAPEUTAS

ACUPUNCTURA PARA FISIOTERAPEUTAS ACUPUNCTURA PARA FISIOTERAPEUTAS Certificado pela maior referência em Portugal - Escola de Medicina Tradicional Chinesa de Lisboa > 72 horas lectivas DATAS, LOCAIS E DESTINATÁRIOS DATAS Módulo A: Introdução

Leia mais

CURSO PRÉ PROVA DE TITULO DE ESPECIALISTA EM ACUPUNTURA

CURSO PRÉ PROVA DE TITULO DE ESPECIALISTA EM ACUPUNTURA CURSO PRÉ PROVA DE TITULO DE ESPECIALISTA EM ACUPUNTURA Curso aberto também para quem deseja apenas realizar uma reciclagem de conhecimentos em Acupuntura TEMA CONTEÚDO MINISTRANTE DATA HORÁRIO Estudo

Leia mais

CANAIS E COLATERAIS ( 經 絡 ) (JING LUO)

CANAIS E COLATERAIS ( 經 絡 ) (JING LUO) CANAIS E COLATERAIS ( 經 絡 ) (JING LUO) MERIDIANOS PRINCIPAIS (ORDINÁRIOS) (JING MAI) MERIDIANOS DISTINTOS (DIVERGENTES) (JING BIE) MERIDIANOS EXTRAORDINÁRIOS (CURIOSOS OU MARAVILHOSOS) (BA MAI) MERIDIANOS

Leia mais

EMBRIOLOGIA ENERGÉTICA

EMBRIOLOGIA ENERGÉTICA EMBRIOLOGIA ENERGÉTICA FECUNDAÇÃO: ovócito + espermatozóide multiplicação celular durante os primeiros dias o embrião tem forma arredondada (fase de mórula) por volta do 12 º dia, vai passando para uma

Leia mais

Pontos e Meridianos em Eqüinos Curso de Especialização em Acupuntura Veterinária

Pontos e Meridianos em Eqüinos Curso de Especialização em Acupuntura Veterinária Instrutor: Jean G. Fernandes Joaquim, DVM, Msc., Dr., LAC. IVAS, ABRAVET, IVAPM, Neurolatinvet member. Assunto: Pontos do Meridiano do Intestino Grosso em Eqüinos. Data: 2011 Estudo dos pontos do Meridiano

Leia mais

PONTOS FONTE (YUAN) PONTOS DE CONEXÃO (LO) PONTOS DE TRANSPORTE POSTERIOR (BACK SHU) PONTOS DE COLETA FRONTAL (ALARME ou FRONT MU)

PONTOS FONTE (YUAN) PONTOS DE CONEXÃO (LO) PONTOS DE TRANSPORTE POSTERIOR (BACK SHU) PONTOS DE COLETA FRONTAL (ALARME ou FRONT MU) 1 PONTOS FONTE (YUAN) PONTOS DE CONEXÃO (LO) PONTOS DE TRANSPORTE POSTERIOR (BACK SHU) PONTOS DE COLETA FRONTAL (ALARME ou FRONT MU) PONTOS DE ACÚMULO (XI) PONTOS DE REUNIÃO (HUI) 1- PONTOS FONTE (YUAN)

Leia mais

VASOS LO. Alberto Bastos (fisioterapeuta-acupunturista)

VASOS LO. Alberto Bastos (fisioterapeuta-acupunturista) VASOS LO Alberto Bastos (fisioterapeuta-acupunturista) Total de 16 vasos: - Um para cada meridiano principal; - Um para o Vaso Governador (Du Mai); - Um para o Vaso Concepção(Ren Mai); - Grande Lo do Baço

Leia mais

DISTÚRBIOS URINÁRIOS DISTÚRBIOS URINÁRIOS

DISTÚRBIOS URINÁRIOS DISTÚRBIOS URINÁRIOS DISTÚRBIOS URINÁRIOS 1 Calor: Fígado Coração (ID) Tr.Aquecedor Deficiência Yin Rins Estagnação Estagnação Qi Fígado Deficiência T.Aq. Deficiência Yang Rins/ Baço Estagnação Umidade Bexiga Distúrbios Urinários

Leia mais

Cromoterapia e a Medicina Chineza. Colorpuntura Cromapuntura Aplicação de cores nos pontos de Acupuntura

Cromoterapia e a Medicina Chineza. Colorpuntura Cromapuntura Aplicação de cores nos pontos de Acupuntura Cromoterapia e a Medicina Chineza Colorpuntura Cromapuntura Aplicação de cores nos pontos de Acupuntura Efeito Fotoelétrico No final do século XIX, descobriu-se que uma chapa de zinco limpa adquiria uma

Leia mais

CENTRO DE ESTUDOS FIRVAL CURSO DE ACUPUNTURA CORPO ENERGÉTICO. Elaborado por Profa. Romana de Souza Franco. 1

CENTRO DE ESTUDOS FIRVAL CURSO DE ACUPUNTURA CORPO ENERGÉTICO. Elaborado por Profa. Romana de Souza Franco. 1 CENTRO DE ESTUDOS FIRVAL CORPO ENERGÉTICO 1 CENTRO DE ESTUDOS FIRVAL INTRODUÇÃO: O corpo energético humano, às vezes chamado de corpo etéreo permeia e cerca o corpo físico sólido. É a soma dos campos de

Leia mais

Acupuntura Abdominal. Renato Fleury Cardoso

Acupuntura Abdominal. Renato Fleury Cardoso Acupuntura Abdominal Renato Fleury Cardoso renatofleuryc@gmail.com HISTÓRICO Tão antigo que tem bases no Clássico das Dificuldades; Na Dinastia Han, era utilizada a palpação abdominal como parte do diagnóstico;

Leia mais

RESOLUÇÃO nº 516 de 26 de novembro de 2009.

RESOLUÇÃO nº 516 de 26 de novembro de 2009. RESOLUÇÃO nº 516 de 26 de novembro de 2009. Ementa: Define os aspectos técnicos do exercício da Acupuntura na Medicina Tradicional Chinesa como especialidade do farmacêutico. O Conselho Federal de Farmácia

Leia mais

ATM CERVICALGIAS DORSALGIAS

ATM CERVICALGIAS DORSALGIAS Center-AO Centro de Pesquisa e Estudo da Medicina Chinesa Universidade Federal de São Paulo Departamento de Ortopedia e Traumatologia Disciplina de Ortopedia Setor de Medicina Chinesa-Acupuntura ATM CERVICALGIAS

Leia mais

XII I I S im i pós pós o B ras r i as l i e l i e r i o de o de Aper pe f r e f i e ç i oam oam n e to t e o m e

XII I I S im i pós pós o B ras r i as l i e l i e r i o de o de Aper pe f r e f i e ç i oam oam n e to t e o m e XII Simpósio Brasileiro de Aperfeiçoamento em Acupuntura e Terapias Orientais 三 Método de Três Agulhas Introdução Definição O Método de Três Agulhas é uma forma de acupuntura que utiliza seleções e combinações

Leia mais

1Dr. Fabricio Escudine www,escudine.com.br

1Dr. Fabricio Escudine www,escudine.com.br 1Dr. Fabricio Escudine PULSOLOGIA CHINESA Segundo Soulié de Morant, acupuntura sem pulsologia significa fórmulas aplicadas ao azar. O acupunturista que não se utiliza da pulsologia negligencia sinais de

Leia mais

XI Simpósio Brasileiro de Aperfeiçoamento em Acupuntura e Terapias Orientas EBRAMEC - CIEFATO

XI Simpósio Brasileiro de Aperfeiçoamento em Acupuntura e Terapias Orientas EBRAMEC - CIEFATO XI Simpósio Brasileiro de Aperfeiçoamento em Acupuntura e Terapias Orientas EBRAMEC - CIEFATO Material elaborado pela Direção e Coordenação da EBRAMEC Direção Geral: Reginaldo de Carvalho Silva Filho Coordenação

Leia mais

YNSA - Yamamoto Neue Schädelakupunktur Nova Craniopuntura de Yamamoto

YNSA - Yamamoto Neue Schädelakupunktur Nova Craniopuntura de Yamamoto YNSA - Yamamoto Neue Schädelakupunktur Nova Craniopuntura de Yamamoto Desenvolvimento e História Introdução Atualização Área Funcional Diagnóstico Cervical e Abdominal Áreas Funcionais Desenvolvimento

Leia mais

AULA SOBRE ACUPUNTURA INSTITUTO LONG TAO CAMILLE ELENNE EGÍDIO

AULA SOBRE ACUPUNTURA INSTITUTO LONG TAO CAMILLE ELENNE EGÍDIO AULA SOBRE ACUPUNTURA INSTITUTO LONG TAO CAMILLE ELENNE EGÍDIO A mente que se abre a uma nova idéia jamais volta ao seu tamanho original. (Albert Einstein) A acupuntura ou acupunctura (do latim acus -

Leia mais

BACH SHU DORSAIS BACK SHU PONTOS DE ASSENTAMENTO

BACH SHU DORSAIS BACK SHU PONTOS DE ASSENTAMENTO BACH SHU DORSAIS BACK SHU PONTOS DE ASSENTAMENTO COLUNA VERTEBRAL COLUNA VERTEBRAL REFERÊNCIA PARA LOCALIZAÇÃO DAS VÉRTEBRAS VÉRTEBRAS DE TRANSIÇÃO VÉRTEBRAS DE TRANSIÇÃO C7: Vértebra mais proeminente

Leia mais

BASES DE TERAPIAS COMPLEMENTARES

BASES DE TERAPIAS COMPLEMENTARES BASES DE TERAPIAS COMPLEMENTARES Prof a Renata Roseghini Profa Sueli M. F. Marques Cronograma de atividades 05/08 TEÓRICA R: Apresentação do plano da disciplina. Acupuntura e a Biomedicina. Histórico da

Leia mais

O TUI NA NO TRATAMENTO DA ANSIEDADE

O TUI NA NO TRATAMENTO DA ANSIEDADE O TUI NA NO TRATAMENTO DA ANSIEDADE ANSIEDADE A ansiedade é uma reação ligada ao instinto de sobrevivência frente a situações e momentos de medo, perigo ou de tensão, que prepara a pessoa para o que poderá

Leia mais

Todos os direitos são reservados pela Equipe de acupuntura-mtc.com. São Paulo, Brasil

Todos os direitos são reservados pela Equipe de acupuntura-mtc.com. São Paulo, Brasil 2012 Esta aula pode ser impressa apenas para uso pessoal. Proibida a reprodução e transmissão parcial ou total desta publicação, por qualquer forma ou meio. Copyright 2012 Equipe de acupunturamtc.com Todos

Leia mais

Caminho de transformação e uma opção de vida.

Caminho de transformação e uma opção de vida. Caminho de transformação e uma opção de vida. Baseada em: Princípios filosóficos; Observação de fenômenos da natureza; Influência das Energias no ser humano; Dualidade energética. O objetivo das práticas

Leia mais

Caminho de transformação e uma opção de vida.

Caminho de transformação e uma opção de vida. Caminho de transformação e uma opção de vida. Baseada em: Princípios filosóficos; Observação de fenômenos da natureza; Influência das Energias no ser humano; Dualidade energética. O objetivo das práticas

Leia mais

Caminho de transformação e uma opção de vida.

Caminho de transformação e uma opção de vida. Caminho de transformação e uma opção de vida. Baseada em: Princípios filosóficos; Observação de fenômenos da natureza; Influência das Energias no ser humano; Dualidade energética. O objetivo das práticas

Leia mais

ESTUDO DOS TRAJETOS DOS CANAIS DE ENERGIA TENDINO-MUSCULARES

ESTUDO DOS TRAJETOS DOS CANAIS DE ENERGIA TENDINO-MUSCULARES ESTUDO DOS TRAJETOS DOS CANAIS DE ENERGIA TENDINO-MUSCULARES 1 INTRODUÇÃO Os Canais de Energia Tendino-Musculares são os Canais de Energia Secundários grandes e superficiais, de caráter Yang, que circulam

Leia mais

FLUIDOS CORPÓREOS (JIN YE) YE = FLUIDO DE ORGANISMOS VIVOS (DAS FRUTAS, POR EXEMPLO)

FLUIDOS CORPÓREOS (JIN YE) YE = FLUIDO DE ORGANISMOS VIVOS (DAS FRUTAS, POR EXEMPLO) FLUIDOS CORPÓREOS (JIN YE) OU FLUIDOS ORGÂNICOS JIN = ÚMIDO = ALGO LÍQUIDO YE = FLUIDO DE ORGANISMOS VIVOS (DAS FRUTAS, POR EXEMPLO) JIN - FLUIDOS YE - LÍQUIDOS PUROS, CLAROS, AQUOSOS, DILUÍDOS TURVOS,

Leia mais

ACUPUNCTURA PARA FISIOTERAPEUTAS

ACUPUNCTURA PARA FISIOTERAPEUTAS ACUPUNCTURA PARA FISIOTERAPEUTAS Certificado pela maior referência em Portugal - Escola Medicina Tradicional Chinesa (Lisboa) Pioneiros. Tratamento dor. Recuperação neuromuscular. Electropunctura DATAS,

Leia mais

Programa Analítico de Disciplina CBI118 Anatomia Humana

Programa Analítico de Disciplina CBI118 Anatomia Humana Catálogo de Graduação 016 da UFV 0 Programa Analítico de Disciplina Campus Rio Paranaíba - Campus Rio Paranaíba Número de créditos: Teóricas Práticas Total Duração em semanas: 15 Carga horária semanal

Leia mais

A DIAGNOSE EM MTC. Delvo Ferraz da Silva

A DIAGNOSE EM MTC. Delvo Ferraz da Silva A DIAGNOSE EM MTC Delvo Ferraz da Silva Diagnóstico Etiológico e Diagnóstico Síndrômico Os quatro procedimentos diagnósticos: o Ver o Escutar o Interrogar o Apalpar Ver ( Inspecionar ) o Olha-se o reflexo

Leia mais

REFERÊNCIAS HISTÓRICAS

REFERÊNCIAS HISTÓRICAS NOTA INTRODUTÓRIA O DO-IN é uma excelente medicina caseira O seu segredo está na facilidade da sua aprendizagem Utilizado diariamente equilibrarmos o bio circuito energético REFERÊNCIAS HISTÓRICAS REFERÊNCIAS

Leia mais

EQUILIBRIO GERAL DO CORPO 5-ELEMENTOS

EQUILIBRIO GERAL DO CORPO 5-ELEMENTOS EQUILIBRIO GERAL DO CORPO BODY TALK SYSTEM - ENERGY MEDICINE O Body Talk System (BTS) estimula o corpo a cura-se. No mundo moderno, o estresse nosso de cada dia interfere no corpo e compromete a saúde

Leia mais

AULA DE HÉRNIA DE DISCO: TTO. ATRAVÉS DA ACUPUNTURA

AULA DE HÉRNIA DE DISCO: TTO. ATRAVÉS DA ACUPUNTURA AULA DE HÉRNIA DE DISCO: TTO. ATRAVÉS DA ACUPUNTURA A doença não é uma Entidade mas uma condição flutuante do corpo do paciente, uma batalha entre a substância da doença e a tendência natural do corpo

Leia mais

04/10/2009. Lenda dos Kouei

04/10/2009. Lenda dos Kouei Histórico da Acupuntura Lenda do Guerreiro Acupuntura Veterinária Visão Geral dos Procedimentos Em Animais de Pequeno Porte SAVE Sociedade de Acupuntura Veterinária Prof. Ms. Daniel Mendes Netto Lenda

Leia mais

OS CINCO ELEMENTOS Os cinco elementos, madeira, fogo, terra, metal e água abarcam todos os fenômenos da natureza. Trata-se de um simbolismo que se aplica também ao homem. Nei Jing. Os chineses dividiram

Leia mais

MEDICINA TRADICIONAL CHINESA Acupuntura Profa. Alessandra Barone. Histórico Teoria Yin Yang Teoria dos Cinco Elementos Substâncias Vitais

MEDICINA TRADICIONAL CHINESA Acupuntura Profa. Alessandra Barone. Histórico Teoria Yin Yang Teoria dos Cinco Elementos Substâncias Vitais MEDICINA TRADICIONAL CHINESA Acupuntura Profa. Alessandra Barone Histórico Teoria Yin Yang Teoria dos Cinco Elementos Substâncias Vitais Medicina Tradicional Chinesa Histórico Antes de 2000 a.c Origem

Leia mais

O livro Origin of complicated diseases (1773) diz:

O livro Origin of complicated diseases (1773) diz: Músculo Esquelético Síndrome da Obstrução Dolorosa (SOD) Síndrome Bi(obstrução) 1 Conceito A SOD indica dor, sensibilidade ou formigamento dos músculos, tendões e articulações. Mais universal e antiga

Leia mais

Curso de Shiatsu - Sob uma Visão Holística

Curso de Shiatsu - Sob uma Visão Holística Curso de Shiatsu - Sob uma Visão Holística Contribuição de Administrador 07/01/2013 Cecth {mosloadposition 009}{mosloadposition 053} PROGRAMAÇÃO PARA O ANO DE {mosloadposition ano} DATAS DAS AULAS DA TURMA

Leia mais

Meridiano Ren Mai e Du Mai MERIDIANOS EXTRAORDINÁRIOS. Vaso Concepção 21/8/2011. Oito Canais Extraordinários. Ren Mai. Ren Mai

Meridiano Ren Mai e Du Mai MERIDIANOS EXTRAORDINÁRIOS. Vaso Concepção 21/8/2011. Oito Canais Extraordinários. Ren Mai. Ren Mai Meridiano Ren Mai e Du Mai MERIDIANOS EXTRAORDINÁRIOS Carolina C. T. Haddad Unesp-Botucatu Ivas Member Estudo e Localização dos Acupontos em Pequenos Animais Oito Canais Extraordinários Vaso Concepção

Leia mais

Meridiano do Rim. Funções do Rim e da Bexiga 21/8/2011. Rim. Yin & Yang do Rim. Yin & Yang do Rim Funções do Yin e do Yang

Meridiano do Rim. Funções do Rim e da Bexiga 21/8/2011. Rim. Yin & Yang do Rim. Yin & Yang do Rim Funções do Yin e do Yang Meridiano do Funções do e da Bexiga Estudo e Localização dos Acupontos em Pequenos Animais Carolina C. T. Haddad Instituto Qualittas Raiz da Vida ou Raiz do Qi Pré-Celestial ; Armazena Jing (herança dos

Leia mais

Edição Revisada. São Paulo,

Edição Revisada. São Paulo, Edição Revisada São Paulo, 2012 Esta aula pode ser impressa apenas para uso pessoal. Proibida a reprodução e transmissão parcial ou total desta publicação, por qualquer forma ou meio. Copyright 2012 Equipe

Leia mais

INTRODUÇÃO A MTC A NATUREZA DO SER HUMANO FILOSOFIA DA MTC FILOSOFIA DA MTC 15/10/16. Medicina Tradicional Chinesa (MTC),

INTRODUÇÃO A MTC A NATUREZA DO SER HUMANO FILOSOFIA DA MTC FILOSOFIA DA MTC 15/10/16. Medicina Tradicional Chinesa (MTC), A NATUREZA DO SER HUMANO INTRODUÇÃO A MTC Para a OMS, o homem é um ser biopsicossocial e a saúde subentende-se por um perfeito equilíbrio entre os três componentes e não simplesmente pela ausência de sintomas.

Leia mais

Apostila de Bases de MTC Medicina Tradicional Chinesa

Apostila de Bases de MTC Medicina Tradicional Chinesa Apostila de Bases de MTC Medicina Tradicional Chinesa Fonte: Artigos Revisados da Internet e Literatura Especifica www.sogab.com.br 1 A medicina tradicional chinesa (MTC), é a denominação usualmente dada

Leia mais

Manual de Prática Supervisionada

Manual de Prática Supervisionada Manual de Prática Supervisionada Material elaborado pela Direção e Coordenação da EBRAMEC Direção Geral: Dr. Reginaldo de Carvalho Silva Filho Coordenação Geral: Dr. Eduardo Vicente Jofre Normas da Prática

Leia mais

de avaliação Paulo Minoru Minazaki Junior Palestra supervisionado pelos professores Edgar Cantelli e Helena Guimarães

de avaliação Paulo Minoru Minazaki Junior Palestra supervisionado pelos professores Edgar Cantelli e Helena Guimarães O Tui Na como método terapêutico e de avaliação Paulo Minoru Minazaki Junior Palestra supervisionado pelos professores Edgar Cantelli e Helena Guimarães Shiatsu Técnica japonesa; An Fa; Trabalha em uma

Leia mais

Acupuntura em Cardiologia Funcional. Prof. Ms. Jean Luis de Souza. Diretor Geral: IPGU

Acupuntura em Cardiologia Funcional. Prof. Ms. Jean Luis de Souza. Diretor Geral: IPGU Acupuntura em Cardiologia Funcional Prof. Ms. Jean Luis de Souza Presidente SOBRAFISA NACIONAL Diretor Geral: IPGU Acupuntura em Cardiologia Energética Funcional * PROGRAMA * SISTEMA CARDIOVASCULAR * ELEMENTOS

Leia mais

Medicina Tradicional Chinesa

Medicina Tradicional Chinesa Medicina Tradicional Chinesa Os Chineses acreditam que a vida e a saúde estão relacionadas diretamente ao fluxo de energia pelo corpo: "CHI". A doença se manifesta quando a energia é bloqueada. A MTC se

Leia mais

Antes de imprimir este material, considere a possibilidade de apreciá-lo no computador ou leitor de textos. Preserve o meio ambiente

Antes de imprimir este material, considere a possibilidade de apreciá-lo no computador ou leitor de textos. Preserve o meio ambiente Antes de imprimir este material, considere a possibilidade de apreciá-lo no computador ou leitor de textos. Preserve o meio ambiente SHEN LONG Curso de ACUPUNTURA TRADICIONAL CHINESA = ZANG FU = Coordenador

Leia mais

Integração de Microssistemas da Acupuntura

Integração de Microssistemas da Acupuntura Integração de Microssistemas da Prof. Gustavo Vilela da Silveira. MSc Fisioterapeuta Acupunturista Introdução Apresentação Revisão Aplicação Exemplos Perguntas Introdução Apresentação Dr. Ralph Alan Dale

Leia mais

巴 西 中 医 学 院 bāxī zhōngyī xuéyuàn

巴 西 中 医 学 院 bāxī zhōngyī xuéyuàn CRONOBIOLOGIA CHINESA Luci Aquemi Hayashi Machado Luci.hayashi@onda.com.br Nei Su Wen (Questões Simples) os ritmos impostos pelas horas, dias, meses, anos, influenciam todos os seres vivos, inclusive os

Leia mais

Qual o Mecanismo de Ação?

Qual o Mecanismo de Ação? O que você quer saber sobre acupuntura? Qual o Mecanismo de Ação? Esta pergunta reflete nosso pensamento Cartesiano! Até o paciente que não questiona como funciona o Prozac, questiona como funciona a acupuntura.

Leia mais

Ervas & Oito Vasos Extraordinários Texto Original Charles Chace Tradução Fabio Barbosa Athayde Supervisão e Revisão : Ephraim Ferreira Medeiros Projeto www.medicinaclassicachinesa.org A primeira discussão

Leia mais

Dor segundo a Medicina Chinesa

Dor segundo a Medicina Chinesa XII Simpósio Brasileiro de Aperfeiçoamento em Acupuntura e Terapias Orientais Dor segundo a Medicina Chinesa Introdução Definição A IASP- International Association for the Study of Pain (Associação Internacional

Leia mais

C O F F I T O CONSELHO FEDERAL DE FISIOTERAPIA E TERAPIA OCUPACIONAL EXAME DE CONHECIMENTO TERAPIA OCUPACIONAL EM ACUPUNTURA /MTC

C O F F I T O CONSELHO FEDERAL DE FISIOTERAPIA E TERAPIA OCUPACIONAL EXAME DE CONHECIMENTO TERAPIA OCUPACIONAL EM ACUPUNTURA /MTC C O F F I T O CONSELHO FEDERAL DE FISIOTERAPIA E TERAPIA OCUPACIONAL EXAME DE CONHECIMENTO TERAPIA OCUPACIONAL EM ACUPUNTURA /MTC ESPECIALIDADE: TERAPIA OCUPACIONAL EM ACUPUNTURA/MTC LEGISLAÇÃO DO SUS

Leia mais

** Pessoas jovens com má alimentação e estresse emocional que também geram vento no Fígado também estão propícios a ter Parkinson.

** Pessoas jovens com má alimentação e estresse emocional que também geram vento no Fígado também estão propícios a ter Parkinson. Doença de Parkinson A Doença de Parkinson é uma síndrome caracterizada por lentidão de movimento, rigidez e tremor resultante de disfunção nos glânglios da base, com diminuição da dopamina e aumento da

Leia mais

10 CONGRESSO INTERNACIONAL DE ESTÉTICA HAIR BRASIL EXPO CENTER NORTE SÃO PAULO

10 CONGRESSO INTERNACIONAL DE ESTÉTICA HAIR BRASIL EXPO CENTER NORTE SÃO PAULO 10 CONGRESSO INTERNACIONAL DE ESTÉTICA HAIR BRASIL EXPO CENTER NORTE SÃO PAULO Prof. Ms. Glauco Fernandes RESULTADOS OBTIDOS COM A ACUPUNTURA ESTÉTICA NO REJUVENESCIMENTO FACIAL Beleza não tem a ver só

Leia mais

EBRAMEC Escola Brasileira de Medicina Chinesa CIEFATO - Centro Internacional de Estudos de Fisioterapia, Acupuntura e Terapias Orientais

EBRAMEC Escola Brasileira de Medicina Chinesa CIEFATO - Centro Internacional de Estudos de Fisioterapia, Acupuntura e Terapias Orientais Teorias de Base Módulo 02 脏腑 - Órgãos e Vísceras - Zang Fu 病因 Etiologia - Bing Yin 经络 - Canais e Colaterais - Jing Luo Material elaborado pelo corpo docente da EBRAMEC / CIEFATO Para os cursos da Escola

Leia mais

Movimento Orgão Yin Orgão Yang Sentido Orgão. Água Rim Bexiga Audição Ouvido. Madeira Fígado Vesicula Biliar Visão Olhos

Movimento Orgão Yin Orgão Yang Sentido Orgão. Água Rim Bexiga Audição Ouvido. Madeira Fígado Vesicula Biliar Visão Olhos Os Cinco Movimentos no Diagnóstico Os Movimentos e os orgãos Movimento Orgão Yin Orgão Yang Sentido Orgão Água Rim Bexiga Audição Ouvido Madeira Fígado Vesicula Biliar Visão Olhos Fogo Coração Intestino

Leia mais

Elementos de Fisiologia Feminina Tradicional

Elementos de Fisiologia Feminina Tradicional Centro Brasileiro de Acupuntura Acupuntura Aplicada a Ginecologia e Obstetrícia Prof.: Marcelo Brum Elementos de Fisiologia Feminina Tradicional Aparelho Genital Feminino: Abrange: Útero; Ovários; Trompas

Leia mais

Ciclo circadiano

Ciclo circadiano 10 11 12 13 14 09 15 08 16 07 06 05 Ciclo circadiano 17 18 19 04 20 03 21 02 01 24 23 22 Amargo Azedo Doce Picante Salgado Quente Morno Neutro Fresco Frio Flor Caule e Talos Raiz Folhas Semente Coração

Leia mais

CURSO DE GRADUAÇÃO:Biomedicina D e N, Enfermagem, Fisioterapia, Medicina, Psicologia SÉRIE: SEMESTRE LETIVO DO ANO: ( ) 1º SEMESTRE

CURSO DE GRADUAÇÃO:Biomedicina D e N, Enfermagem, Fisioterapia, Medicina, Psicologia SÉRIE: SEMESTRE LETIVO DO ANO: ( ) 1º SEMESTRE CURSO DE GRADUAÇÃO:Biomedicina D e N, Enfermagem, Fisioterapia, Medicina, Psicologia SÉRIE: SEMESTRE LETIVO DO ANO: ( ) 1º SEMESTRE ( X ) 2º SEMESTRE ( ) 1º e 2ª SEMESTRES PLANO DE ENSINO DA DISCIPLINA

Leia mais

CENTER FISIO - IMES INSTITUTO MINEIRO DE ESTUDOS SISTÊMICOS TERRA MERIDIANOS EXTRAORDINÁRIOS LO (PASSAGEM)

CENTER FISIO - IMES INSTITUTO MINEIRO DE ESTUDOS SISTÊMICOS TERRA MERIDIANOS EXTRAORDINÁRIOS LO (PASSAGEM) CENTER FISIO - IMES INSTITUTO MINEIRO DE ESTUDOS SISTÊMICOS MERIDIANOS EXTRAORDINÁRIOS LO (PASSAGEM) TERRA MERIDIANO DE PASSAGEM - LO Os Meridianos LO (transversais e longitudinais) têm por função realizar

Leia mais

ACUPUNTURA COMO TRATAMENTO AUXILIAR NAS ALTERAÇÕES COMPORTAMENTAIS EM CÃES

ACUPUNTURA COMO TRATAMENTO AUXILIAR NAS ALTERAÇÕES COMPORTAMENTAIS EM CÃES Lúcia Maria Rondas da Silveira ACUPUNTURA COMO TRATAMENTO AUXILIAR NAS ALTERAÇÕES COMPORTAMENTAIS EM CÃES INSTITUTO QUALITTAS 2009 2 Lúcia Maria Rondas da Silveira ACUPUNTURA COMO TRATAMENTO AUXILIAR NAS

Leia mais

Faça 1curso e receba 2certificações. O Sistema Educacional ABACO/CBA e a Faculdade São Judas Tadeu unem-se na promoção do Curso Integrado em

Faça 1curso e receba 2certificações. O Sistema Educacional ABACO/CBA e a Faculdade São Judas Tadeu unem-se na promoção do Curso Integrado em Faça 1curso e receba 2certificações O Sistema Educacional ABACO/CBA e a Faculdade São Judas Tadeu unem-se na promoção do Curso Integrado em ACUPUNTURA Pós-graduação em Acupuntura Clínica e Racionalidade

Leia mais

Instituto Quallitas. Aula de Localização e Estudo de Pontos de Acupuntura. Carolina C. T. Haddad. Meridiano do Triplo Aquecedor Sanjiao

Instituto Quallitas. Aula de Localização e Estudo de Pontos de Acupuntura. Carolina C. T. Haddad. Meridiano do Triplo Aquecedor Sanjiao Aula de Localização e Estudo de Pontos de Acupuntura Carolina C. T. Haddad Meridiano do Triplo Aquecedor Sanjiao O TA influencia separadamente com suas três partes termoregulando o organismo; Controla:

Leia mais

DOENÇAS ARTICULARES DEGENERATIVAS E TENDINITES EM EQUINOS PELA MTC

DOENÇAS ARTICULARES DEGENERATIVAS E TENDINITES EM EQUINOS PELA MTC INSTITUTO HOMEOPÁTICO JACQUELINE PEKER CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ACUPUNTURA VETERINÁRIA DOENÇAS ARTICULARES DEGENERATIVAS E TENDINITES EM EQUINOS PELA MTC LILIA VALENTE SOARES CAMPINAS 2014 DOENÇAS ARTICULARES

Leia mais

Fórmulas Clássicas de Medicina Chinesa. Como prescrever? Formador: Larry Ibarra

Fórmulas Clássicas de Medicina Chinesa. Como prescrever? Formador: Larry Ibarra Fórmulas Clássicas de Medicina Chinesa Formador: 1 2 - - Por conseguinte, as costas assistem ao yáng, e o coração é o yáng dentro do yáng. As costas assistem ao yáng, e os pulmões são o yin dentro do yáng.

Leia mais

Meridiano do Estômago Wei (Yang Ming) Localização e Indicação dos acupontos Meridiano do Estômago. Meridiano do Estômago

Meridiano do Estômago Wei (Yang Ming) Localização e Indicação dos acupontos Meridiano do Estômago. Meridiano do Estômago Localização e Indicação dos acupontos Meridiano do Estômago Mariana Aya Hashizume Qualittas nov/2011 Meridiano do Estômago Wei (Yang Ming)! Inicia-se no ponto E1 próximo ao olho, dirigindo-se aos lábios,

Leia mais

4º EXAME DE CERTIFICAÇÃO DE ESPECIALISTA EM ACUPUNTURA TRADICIONAL CONBRAC/CRAERJ 2006

4º EXAME DE CERTIFICAÇÃO DE ESPECIALISTA EM ACUPUNTURA TRADICIONAL CONBRAC/CRAERJ 2006 CONBRAC - Conselho Brasileiro de Acupuntura CRAERJ - Conselho Regional de Acupuntura do Estado do Rio de Janeiro CNPJ nº 06.959.089/0001-02 4º EXAME DE CERTIFICAÇÃO DE ESPECIALISTA EM ACUPUNTURA TRADICIONAL

Leia mais