OS CANDIDATOS A PREFEITO NAS CAPITAIS EM 2016

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "OS CANDIDATOS A PREFEITO NAS CAPITAIS EM 2016"

Transcrição

1 OS CANDIDATOS A PREFEITO NAS CAPITAIS EM 2016 François E. J. de Bremaeker Rio de Janeiro, agosto de 2016

2 OS CANDIDATOS A PREFEITO NAS CAPITAIS EM 2016 François E. J. de Bremaeker Bacharel em Economia e Licenciado e Bacharel em Geografia Gestor do Observatório de Informações Municipais Membro do Núcleo de Estudos Urbanos da Associação Comercial de São Paulo Presidente do Conselho Municipal do Ambiente de Paraíba do Sul (RJ) São utilizados no estudo os valores de 2014 pois para a comparação com os valores globais muitos Municípios não disponibilizaram ainda os dados financeiros de São considerados os registros iniciais efetuados notse. As 26 capitais estaduais (0,47% do total de Municípios) que serão palco das eleições de outubro de 2016 detém 45,420 milhões de habitantes (22,72% da população do país) e concentram uma receita de R$ 140,5 bilhões (26,43% da receita orçamentária municipal em 2014). No caso dos Municípios das capitais 12 deles apresentaram aumento da receita orçamentária em 2015 em relação a 2014, comparando dados do Tesouro Nacional e do SIOPE: Boa Vista, Belém, São Luís, Teresina, Fortaleza, Aracaju, Salvador, Rio de Janeiro, São Paulo, Florianópolis, Cuiabá e Goiânia. Os demais 14 apresentaram redução na receita orçamentária: Porto Velho, Rio Branco, Manaus, Macapá, Palmas, Natal, João Pessoa, Recife, Maceió, Belo Horizonte, Vitória, Curitiba, Porto Alegre e Campo Grande. A receita per capita média dos Municípios das capitais é de R$ 3.093,28 em Ela é 22,20% superior à média dos Municípios do interior (R$ 2.531,25). Os Municípios das capitais que se destacaram com receita per capita bem acima daqueles do interior de seus Estados são: Vitória (76,16%), Boa Vista (60,22%), Belo Horizonte (56,35%), Palmas (54,77%), Recife (48,40%) e Curitiba (45,03%).

3 Desses Municípios 4 apresentam receita per capita acima da média nacional (Vitória, Belo Horizonte, Curitiba e Palmas) e os demais apresentam valores abaixo da média nacional: Boa Vista e Recife. No extremo oposto estão os Municípios das capitais que apresentam receita orçamentária per capita inferior àquela registrada pelo conjunto dos Municípios do interior de seus Estados: Macapá (- 1,25%), Belém (- 1,85%), Florianópolis (- 4,18%) e Salvador (- 7,27%). Os 12 Municípios que apresentaram valores de diferencial da receita per capita acima da média nacional, são: Rio Branco, Boa Vista, Palmas, Teresina, João Pessoa, Recife, Aracaju, Belo Horizonte, Vitória, Rio de Janeiro, Curitiba e Porto Alegre. Os 10 Municípios que apresentaram valores de diferencial da receita per capita abaixo da média nacional (porém positivos), são: Porto Velho, Manaus, São Luís, Fortaleza, Natal, Maceió, São Paulo, Campo Grande, Cuiabá e Goiânia. Os atuais Prefeitos Os partidos políticos que possuem maior número de Prefeitos das capitais são o PDT e o PSD. Cada qual tem 5 representantes. Seguem em importância o PSDB (4); o PMDB (3); o DEM, PSD e PT com 2 Prefeitos cada; e o PP, PPS e REDE, com um Prefeito cada qual. Os 5 Prefeitos do PDT são de São Luís, Fortaleza, Natal, Curitiba e Porto Alegre. Esses Prefeitos representam habitantes e têm a sua disposição uma receita orçamentária da ordem de R$ 22,934 bilhões. A receita per capita média é de R$ 2.927,11. Os 5 Prefeitos do PSB são de Porto Velho, Palmas, Recife, Belo Horizonte e Cuiabá. Esses Prefeitos representam habitantes e têm a sua disposição uma receita orçamentária da ordem de R$ 17,437 bilhões. A receita per capita média é de R$ 3.208,54. Os 4 Prefeitos do PSDB são de Manaus, Belém, Teresina e Maceió. Esses Prefeitos representam habitantes e têm a sua disposição uma receita orçamentária da ordem de R$ 11,137 bilhões. A receita per capita média é de R$ 2.101,71.

4 Os 3 Prefeitos do PMDB são de Boa Vista, Rio de Janeiro e Goiânia. Esses Prefeitos representam habitantes e têm a sua disposição uma receita orçamentária da ordem de R$ 29,346 bilhões. A receita per capita média é de R$ 3.587,06. Os 2 Prefeitos do DEM são de Aracaju e Salvador. Esses Prefeitos representam habitantes e têm a sua disposição uma receita orçamentária da ordem de R$ 7,029 bilhões. A receita per capita média é de R$ 1.993,16. Os 2 Prefeitos do PSD são de João Pessoa e Porto Alegre. Esses Prefeitos representam habitantes e têm a sua disposição uma receita orçamentária da ordem de R$ 3,324 bilhões. A receita per capita média é de R$ 2.676,14. Os 2 Prefeitos do PT são de Rio Branco e São Paulo. Esses Prefeitos representam habitantes e têm a sua disposição uma receita orçamentária da ordem de R$ 44,139 bilhões. A receita per capita média é de R$ 3.600,33. O Prefeito do PP é de Campo Grande. Esse Prefeito representa habitantes e têm a sua disposição uma receita orçamentária da ordem de R$ 2,730 bilhões. A receita per capita é de R$ 3.237,65. O Prefeito do PPS é de Vitória. Esse Prefeito representa habitantes e têm a sua disposição uma receita orçamentária da ordem de R$ 1,714 bilhão. A receita per capita é de R$ 4.868,79. O Prefeito da REDE é de Macapá. Esse Prefeito representa habitantes e têm a sua disposição uma receita orçamentária da ordem de R$ 707 milhões. A receita per capita é de R$ 1.582,29. Os candidatos a Prefeito Estarão concorrendo aos cargos de Prefeito 208 candidatos. Uma média de 8,0 candidatos para cada cadeira. Destes candidatos 157 concorrem às 20 cadeiras onde o atual Prefeito busca sua reeleição (uma média de 7,85 candidatos por cadeira). São todas capitais das regiões Norte e Nordeste, além de 2 na região Sudeste (Vitória e São Paulo) e uma nas regiões Sul (Curitiba) e Centro-oeste (Campo Grande).

5 Outros 29 candidatos concorrem às 4 cadeiras onde o atual Prefeito decidiu não concorrer à reeleição (uma média de 7,25 candidatos por cadeira). São 2 capitais nas regiões Sul (Florianópolis e Porto Alegre) e Centro-oeste (Cuiabá e Goiânia). Por último 22 candidatos concorrem às 2 cadeiras onde o atual Prefeito não poderá se candidatar novamente pois já é reeleito: Rio de Janeiro e São Paulo. Em ambos os casos são 11 candidatos por cadeira. Os partidos políticos Ao todo 35 partidos políticos apresentaram candidatos para a disputa eleitoral. O partido que mais apresentou candidatos foi o PSOL. Estão concorrendo em 24 Municípios, o que representa 92,31% das possibilidades. Não há nenhum Prefeito já eleito nas capitais. O segundo partido que mais apresentou candidatos foi o PT. Estão concorrendo em 19 Municípios, o que representa 73,08% das possibilidades. Existem Prefeitos já eleitos em Rio Branco e São Paulo. O terceiro partido que mais apresentou candidatos foi o PMDB. Estão concorrendo em 16 Municípios, o que representa 61,54% das possibilidades. Existem Prefeitos já eleitos em Boa Vista, Rio de Janeiro e Goiânia. O quarto partido que mais apresentou candidatos foi o PSTU. Estão concorrendo em 15 Municípios, o que representa 57,69% das possibilidades. Não há nenhum Prefeito já eleito nas capitais. O quinto partido que mais apresentou candidatos foi o PSDB. Estão concorrendo em 13 Municípios, o que representa 50,00% das possibilidades. Existem Prefeitos já eleitos em Manaus, Belém, Teresina e Maceió. O sexto partido que mais apresentou candidatos foi o PSB. Estão concorrendo em 11 Municípios, o que representa 42,31% das possibilidades. Existem Prefeitos já eleitos em Porto Velho, Palmas, Recife, Belo Horizonte e Cuiabá.

6 O sétimo partido que mais apresentou candidatos foi a REDE. Estão concorrendo em 10 Municípios, o que representa 38,46% das possibilidades. Existe Prefeito já eleito em Macapá. O oitavo partido que mais apresentou candidatos foi o PDT. Estão concorrendo em 9 Municípios, o que representa 34,62% das possibilidades. Existem Prefeitos já eleitos em São Luís, Fortaleza, Natal,Curitiba e Porto Alegre. O nono partido que mais apresentou candidatos foi o PSD. Estão concorrendo em 8 Municípios, o que representa 30,77% das possibilidades. Existem Prefeitos já eleitos em João Pessoa e Porto Alegre. O décimo partido que mais apresentou candidatos foi o PR. Estão concorrendo em 7 Municípios, o que representa 26,92% das possibilidades. Não há nenhum Prefeito já eleito nas capitais. Em décimo primeiro lugar estão os partido PP e PRB. Estão concorrendo em 6 Municípios, o que representa 23,08% das possibilidades. Existe Prefeito já eleito pelo PP em Campo Grande. Em décimo segundo lugar estão os partidos PP e PRB. Estão concorrendo em 6 Municípios, o que representa 23,08% das possibilidades. Existe Prefeito já eleito pelo PP em Campo Grande. Em décimo terceiro lugar estão os partidos PCdoB, PCO, PMN e PV. Estão concorrendo em 5 Municípios, o que representa 19,23% das possibilidades. Não há nenhum Prefeito já eleito nas capitais. Em décimo quarto lugar estão os partidos DEM, PROS, PRTB e SD. Estão concorrendo em 4 Municípios, o que representa 15,38% das possibilidades. Existem 2 Prefeitos já eleitos pelo DEM em Aracaju e Salvador. Em décimo quinto lugar estão os partidos PEN, PPS e PTB. Estão concorrendo em 3 Municípios, o que representa 11,54% das possibilidades. Existe 1 Prefeito já eleito pelo PPS em Vitória. Em décimo sexto lugar estão os partidos PHS, PMB, PPL, PRP, PSC,PSDC e PTN. Estão concorrendo em 2 Municípios, o que representa 7,69% das possibilidades. Não há nenhum Prefeito já eleito nas capitais.

7 Em décimo sétimo lugar estão os partidos NOVO, PCB, PSL, PTC e PTdoB. Estão concorrendo em 1 Município, o que representa 3,85% das possibilidades. Não há nenhum Prefeito já eleito nas capitais. Onde concorrem os partidos Os registros de candidaturas efetuados junto ao Tribunal Superior Eleitoral para as eleições nos Municípios das capitais abrangeram 35 partidos políticos. O PSOL registrou candidatos em 24 Municípios: Porto Velho, Manaus, Boa Vista, Belém, Palmas, São Luís, Teresina, Fortaleza, Natal, João Pessoa, Recife, Maceió, Aracaju, Salvador, Belo Horizonte, Vitória, Rio de Janeiro, São Paulo, Curitiba, Florianópolis, Porto Alegre, Campo Grande, Cuiabá e Goiânia. O PT registrou candidatos em 19 Municípios: Porto Velho, Rio Branco, Manaus, Boa Vista, Belém, Macapá, Palmas, Fortaleza, Natal, João Pessoa, Recife, Maceió, Belo Horizonte, Vitória, São Paulo, Curitiba, Porto Alegre, Campo Grande e Goiânia. O PMDB registrou candidatos em 16 Municípios: Porto Velho, Rio Branco, Boa Vista, Belém, Macapá, São Luís, Maceió, Belo Horizonte, Vitória, Rio de Janeiro, São Paulo, Curitiba, Florianópolis, Porto Alegre, Cuiabá e Goiânia. O PSTU registrou candidatos em 15 Municípios: Belém, Macapá, São Luís, Teresina, Fortaleza, Natal, Recife, Maceió, Aracaju, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, São Paulo, Florianópolis, Porto Alegre e Campo Grande. O PSDB registrou candidatos em 13 Municípios: Porto Velho, Manaus, Belém, Teresina, Natal, Recife, Maceió, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, São Paulo, Porto Alegre, Campo Grande e Cuiabá. O PSOL registrou candidatos em 24 Municípios: Porto Velho, Rio Branco, Manaus, Boa Vista, Belém, Macapá, Palmas, São Luís, Teresina, Fortaleza, Natal, João Pessoa, Recife, Maceió, Aracaju, Salvador, Belo Horizonte, Vitória, Rio de Janeiro, São Paulo, Curitiba, Florianópolis, Porto Alegre, Campo Grande, Cuiabá e Goiânia.

8 O PSB registrou candidatos em 11 Municípios: Porto Velho, Manaus, Macapá, Palmas, Fortaleza, João Pessoa, Recife, Maceió, Aracaju, Florianópolis, e Goiânia. A REDE registrou candidatos em 10 Municípios: Rio Branco, Manaus, Belém, Macapá, Natal, Aracaju, Rio de Janeiro, São Paulo, Cuiabá e Goiânia. O PDT registrou candidatos em 9 Municípios: Manaus, Boa Vista, São Luís, Fortaleza, Natal, Salvador, Belo Horizonte, Curitiba e Cuiabá. O PSD registrou candidatos em 8 Municípios: Belém, Teresina, João Pessoa, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Curitiba, Campo Grande e Goiânia. O PR registrou candidatos em 7 Municípios: Porto Velho, Rio Branco, Manaus, Palmas, Fortaleza, Belo Horizonte e Goiânia. O PP registrou candidatos em 6 Municípios: Boa Vista, São Luís, Salvador, Curitiba, Florianópolis e Campo Grande. O PRB registrou candidatos em 6 Municípios: Manaus, Macapá, Fortaleza, Rio de Janeiro, São Paulo e Cuiabá. O PCdoB registrou candidatos em 5 Municípios: Belém, Aracaju, Salvador, Rio de Janeiro e Florianópolis. O PCO registrou candidatos em 5 Municípios: Teresina, Recife, Rio de Janeiro, São Paulo e Campo Grande. O PMN registrou candidatos em 5 Municípios: São Luís, Maceió, Aracaju, Curitiba e Porto Alegre. O PV registrou candidatos em 5 Municípios: Boa Vista, Palmas, Recife, Porto Alegre e Campo Grande. O DEM registrou candidatos em 4 Municípios: Boa Vista, Recife, Aracaju e Salvador. O PROS registrou candidatos em 4 Municípios: Boa Vista, Belo Horizonte, Curitiba e Campo Grande. O PRTB registrou candidatos em 4 Municípios: Belém, Salvador, São Paulo e Campo Grande.

9 O SD registrou candidatos em 4 Municípios: Manaus, Natal, Vitória e São Paulo. O PEN registrou candidatos em 3 Municípios: Macapá, Palmas e Florianópolis. O PPS registrou candidatos em 3 Municípios: São Luís, Vitória e Campo Grande. O PTB registrou candidatos em 3 Municípios: Porto Velho, Teresina e Porto Alegre. O PHS registrou candidatos em 2 Municípios: Fortaleza e Belo Horizonte. O PMB registrou candidatos em 2 Municípios: São Luís e Campo Grande. O PPL registrou candidatos em 2 Municípios: São Luís e Salvador. O PRP registrou candidatos em 24 Municípios: Boa Vista e Curitiba. O PSC registrou candidatos em 2 Municípios: Rio de Janeiro e Campo Grande. O PSDC registrou candidatos em 2 Municípios: São Paulo e Campo Grande. O PTN registrou candidatos em 2 Municípios: Teresina e Campo Grande. O NOVO registrou candidato em 1 Município: Rio de Janeiro. O PCB registrou candidato em 1 Município: Belém. O PCL registrou candidato em 1 Município: Porto Alegre. O PTC registrou candidato em 1 Município: Maceió. O PTdoB registrou candidato em 1 Município: Belo Horizonte.

10 François E. J de Bremaeker Bacharel em Economia Licenciado e Bacharel em Geografia Gestor do Observatório de Informações Municipais Membro do Núcleo de Estudos Urbanos do Conselho de Política Urbana da Associação Comercial de São Paulo Membro do Conselho Municipal do Ambiente de Paraíba do Sul (RJ), desde 2010, sendo eleito Presidente em 2012 Colaborador da Universidade de São Paulo (USP) na elaboração do Atlas do Brasil Membro da Rede de Diálogo do Observatório da Equidade do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social da Presidência da República (CDES-PR) Consultor da Associação Brasileira de Câmaras Municipais (ABRACAM) Consultor da Associação Brasileira de Prefeituras (ABRAP) Consultor-palestrante da Oficina Municipal Sócio-Benemérito da Associação Brasileira de Câmaras Municipais, recebendo os prêmios de DESTAQUE ABRASCAM em 2002 pelo trabalho em prol dos legislativos municipais e em 2003, pelo trabalho desenvolvido em defesa do Serviço Público Municipal É colunista da Revista Painel de Compras Municipais É articulista da Revista Correio dos Estados e Municípios É articulista do Jornal do Interior, da União dos Vereadores do Estado de São Paulo (UVESP) Tem artigos publicados em diversos veículos de comunicação e sítios na Internet Participou em reunião do Fórum sobre Federalismo do Comitê de Articulação Federativa da Secretaria de Relações Institucionais da Presidência da República (CAF/SRI-PR) Foi assessor técnico do Instituto Brasileiro de Administração Municipal por 38 anos, de 1971 a 2008 (aposentado) Foi membro do extinto Conselho de Desenvolvimento das Cidades da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de São Paulo (FECOMERCIO-SP) e jurado do 2º Prêmio de Sustentabilidade Foi Membro do Conselho de Desenvolvimento Territorial de Paraíba do Sul (RJ) de 2010 a 2012, quando foi desativado Foi consultor da Associação Transparência Municipal de agosto de 2008 a outubro de 2013 Foi Conselheiro-suplente do Fórum de Consórcios e do Federalismo da Frente Nacional dos Prefeitos (FNP), representando a Transparência Municipal Foi Membro do Conselho Deliberativo da Associação Brasileira de Municípios - seccional Rio de Janeiro (ABM-RJ)

OS CANDIDATOS A PREFEITO NOS MUNICÍPIOS BILIONÁRIOS EM 2016

OS CANDIDATOS A PREFEITO NOS MUNICÍPIOS BILIONÁRIOS EM 2016 OS CANDIDATOS A PREFEITO NOS MUNICÍPIOS BILIONÁRIOS EM 2016 François E. J. de Bremaeker Rio de Janeiro, agosto de 2016 OS CANDIDATOS A PREFEITO NOS MUNICÍPIOS BILIONÁRIOS EM 2016 François E. J. de Bremaeker

Leia mais

PERFIL DOS VEREADORES ELEITOS EM 2016 BRASIL E REGIÕES

PERFIL DOS VEREADORES ELEITOS EM 2016 BRASIL E REGIÕES PERFIL DOS VEREADORES ELEITOS EM 2016 BRASIL E REGIÕES François E. J. de Bremaeker Rio de Janeiro novembro de 2016 PERFIL DOS VEREADORES ELEITOS EM 2016 BRASIL E REGIÕES François E. J. de Bremaeker Bacharel

Leia mais

OS CANDIDATOS A VEREADOR EM 2016

OS CANDIDATOS A VEREADOR EM 2016 OS CANDIDATOS A VEREADOR EM 2016 François E. J. de Bremaeker Rio de Janeiro, setembro de 2016 OS CANDIDATOS A VEREADOR EM 2016 François E. J. de Bremaeker Bacharel em Economia e Licenciado e Bacharel em

Leia mais

O DESEMPENHO FINANCEIRO DOS GRANDES MUNICÍPIOS ENTRE 2014 E 2016

O DESEMPENHO FINANCEIRO DOS GRANDES MUNICÍPIOS ENTRE 2014 E 2016 O DESEMPENHO FINANCEIRO DOS GRANDES MUNICÍPIOS ENTRE 2014 E 2016 François E. J. de Bremaeker Rio de Janeiro, junho de 2017 O DESEMPENHO FINANCEIRO DOS GRANDES MUNICÍPIOS ENTRE 2014 E 2016 François E. J.

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DO ISS PARA OS MUNICÍPIOS

A IMPORTÂNCIA DO ISS PARA OS MUNICÍPIOS A IMPORTÂNCIA DO ISS PARA OS MUNICÍPIOS François E. J. de Bremaeker Rio de Janeiro, março de 2017 A IMPORTÂNCIA DO ISS PARA OS MUNICÍPIOS François E. J. de Bremaeker Bacharel em economia e bacharel e licenciado

Leia mais

A SITUAÇÃO FISCAL DOS MUNICÍPIOS BILIONÁRIOS NO PERÍODO ENTRE 2009 E 2012

A SITUAÇÃO FISCAL DOS MUNICÍPIOS BILIONÁRIOS NO PERÍODO ENTRE 2009 E 2012 A SITUAÇÃO FISCAL DOS MUNICÍPIOS BILIONÁRIOS NO PERÍODO ENTRE 2009 E 2012 François E. J. de Bremaeker Rio de Janeiro, abril de 2014 A SITUAÇÃO FISCAL DOS MUNICÍPIOS BILIONÁRIOS NO PERÍODO ENTRE 2009 E

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DAS PRINCIPAIS TRANSFERÊNCIAS DE RECURSOS PARA OS MUNICÍPIOS ICMS E FPM

A IMPORTÂNCIA DAS PRINCIPAIS TRANSFERÊNCIAS DE RECURSOS PARA OS MUNICÍPIOS ICMS E FPM A IMPORTÂNCIA DAS PRINCIPAIS TRANSFERÊNCIAS DE RECURSOS PARA OS MUNICÍPIOS ICMS E FPM François E. J. de Bremaeker Rio de Janeiro, março de 2017 A IMPORTÂNCIA DAS PRINCIPAIS TRANSFERÊNCIAS DE RECURSOS PARA

Leia mais

PROPAGANDA PARTIDÁRIA 2016 Inserções regionais consulta por partido

PROPAGANDA PARTIDÁRIA 2016 Inserções regionais consulta por partido 1º PROS 16/05/2016 segunda-feira 2 inserções de 60 (Diretório 18/05/2016 quarta-feira 2 inserções de 60 Nacional) 20/05/2016 sexta-feira 2 inserções de 60 13/06/2016 segunda-feira 2 inserções de 60 15/06/2016

Leia mais

O POTENCIAL DE ARRECADAÇÃO DO IPTU

O POTENCIAL DE ARRECADAÇÃO DO IPTU O POTENCIAL DE ARRECADAÇÃO DO IPTU François E. J. de Bremaeker Rio de Janeiro dezembro de 2016 O POTENCIAL DE ARRECADAÇÃO DO IPTU François E. J. de Bremaeker Bacharel em Economia e Licenciado e Bacharel

Leia mais

AS RECEITAS TRIBUTÁRIAS MUNICIPAIS EM 2015

AS RECEITAS TRIBUTÁRIAS MUNICIPAIS EM 2015 AS S TRIBUTÁRIAS MUNICIPAIS EM 2015 François E. J. de Bremaeker Rio de Janeiro, janeiro de 2017 AS S TRIBUTÁRIAS MUNICIPAIS EM 2015 François E. J. de Bremaeker Bacharel em economia e bacharel e licenciado

Leia mais

OS RESULTADOS DO FENÔMENO DA REELEIÇÃO EM 2008 E UMA COMPARAÇÃO COM OS DOIS ÚLTIMOS PLEITOS MUNICIPAIS

OS RESULTADOS DO FENÔMENO DA REELEIÇÃO EM 2008 E UMA COMPARAÇÃO COM OS DOIS ÚLTIMOS PLEITOS MUNICIPAIS 11 OS RESULTADOS DO FENÔMENO DA REELEIÇÃO EM 2008 E UMA COMPARAÇÃO COM OS DOIS ÚLTIMOS PLEITOS MUNICIPAIS As análises das reeleições em 2008 nesta primeira parte do estudo foram feitas com base nos dados

Leia mais

AS MULHERES NA POLÍ TÍCA EM NU MEROS

AS MULHERES NA POLÍ TÍCA EM NU MEROS AS MULHERES NA POLÍ TÍCA EM NU MEROS Número de deputados Federais Eleitos em 2006, 2010 e 2014 MULHERES % HOMENS % TOTAL 2006 45 8,8 468 91,2 2010 45 8,8 468 91,2 513 2014 51 9,9 462 90,1 Número de Senadores

Leia mais

ANEXO 2. As eleições municipais no Rio Grande do Sul

ANEXO 2. As eleições municipais no Rio Grande do Sul ANEXO 2 As eleições municipais no Rio Grande do Sul Total de candidatos eleitos por partido político O Rio Grande do Sul elegeu em primeiro turno um total de 493 prefeitos. O Partido Progressista (PP)

Leia mais

PROJETO ELEIÇÃO. Estamos em ano de eleições Será que os alunos sabem o que fazem aqueles políticos que querem o voto dos eleitores?

PROJETO ELEIÇÃO. Estamos em ano de eleições Será que os alunos sabem o que fazem aqueles políticos que querem o voto dos eleitores? PROJETO ELEIÇÃO JUSTIFICATIVA: Estamos em ano de eleições Será que os alunos sabem o que fazem aqueles políticos que querem o voto dos eleitores? Será que também estão preocupados com os problemas do seu

Leia mais

Brazilian figures. Territorial area : Km² (USA without Alaska and Hawaii = km²)

Brazilian figures. Territorial area : Km² (USA without Alaska and Hawaii = km²) Brazilian figures Territorial area : 8.515.767 Km² (USA without Alaska and Hawaii = 7.824.535 km²) Population 204,5 million (2015) (USA 321 million) (85% Urban areas) 10 largest States: 75% 10 metropolitan

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS SANTA CATARINA J A N E I R O D E 2 0 0 6 O P P 0 0 3 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL Levantar junto aos eleitores

Leia mais

MOBILIDADE URBANA. Mauricio Muniz Barreto de Carvalho Secretário do PAC

MOBILIDADE URBANA. Mauricio Muniz Barreto de Carvalho Secretário do PAC MOBILIDADE URBANA Mauricio Muniz Barreto de Carvalho Secretário do PAC O QUE O GOVERNO FEDERAL JÁ FEZ Sanção da Política Nacional de Mobilidade Urbana (Lei 12.587/2012) Desoneração das tarifas do transporte

Leia mais

PROGRAMA PARTIDÁRIO - 2011 PROGRAMA EM CADEIA NACIONAL (Quintas-feiras) Pedidos de Programas em análise - Atualizado em 16.12.2010

PROGRAMA PARTIDÁRIO - 2011 PROGRAMA EM CADEIA NACIONAL (Quintas-feiras) Pedidos de Programas em análise - Atualizado em 16.12.2010 PROGRAMA PARTIDÁRIO - 2011 PROGRAMA EM CADEIA NACIONAL (Quintas-feiras) Pedidos de Programas em análise - Atualizado em 16.12.2010 Nos termos da Resolução-TSE nº 20.034/1997: As cadeias nacionais ocorrerão

Leia mais

PROGRAMA PARTIDÁRIO - 2011 PROGRAMA EM CADEIA NACIONAL (Quintas-feiras) Programas deferidos - Atualizado em 6.5.2011

PROGRAMA PARTIDÁRIO - 2011 PROGRAMA EM CADEIA NACIONAL (Quintas-feiras) Programas deferidos - Atualizado em 6.5.2011 PROGRAMA PARTIDÁRIO - 2011 PROGRAMA EM CADEIA NACIONAL (Quintas-feiras) Programas deferidos - Atualizado em 6.5.2011 Nos termos da Resolução-TSE nº 20.034/1997: As cadeias nacionais ocorrerão às quintas-feiras,

Leia mais

O financiamento das eleições em 2018

O financiamento das eleições em 2018 O financiamento das eleições em 2018 07/06/2018 1 O financiamento das eleições em 2018 Nas eleições de 2018 os candidatos poderão utilizar recursos das seguintes fontes: Fundo Partidário; Doações de pessoas

Leia mais

RECURSOS PARA A ÁREA DA SAÚDE

RECURSOS PARA A ÁREA DA SAÚDE RECURSOS PARA A ÁREA DA SAÚDE François E. J. de Bremaeker Rio de Janeiro, fevereiro de 2017 RECURSOS PARA A ÁREA DA SAÚDE François E. J. de Bremaeker Bacharel em economia e bacharel e licenciado em geografia

Leia mais

CAP. 5 GASTOS PÚBLICOS COM CULTURA NAS CAPITAIS DOS ESTADOS 1985-1995. Quadro 5.1 Estrutura institucional do setor cultural nas capitais 1995

CAP. 5 GASTOS PÚBLICOS COM CULTURA NAS CAPITAIS DOS ESTADOS 1985-1995. Quadro 5.1 Estrutura institucional do setor cultural nas capitais 1995 Capítulo 5 GASTOS PÚBLICOS COM CULTURA NAS CAPITAIS DOS ESTADOS 1985-1995 5.1 Considerações gerais Na sistemática da gestão da despesa pública recai sobre os órgãos centrais do governo federal e dos estados

Leia mais

Emendas Parlamentares de 2017

Emendas Parlamentares de 2017 Estudo Técnicos maio de 2018 Emendas Parlamentares de 2017 Introdução Emenda parlamentar é o instrumento que os parlamentares possuem para modificar e influenciar na elaboração de orçamentos da esfera

Leia mais

ENDIVIDAMENTO DAS FAMÍLIAS NAS CAPITAIS BRASILEIRAS

ENDIVIDAMENTO DAS FAMÍLIAS NAS CAPITAIS BRASILEIRAS ENDIVIDAMENTO DAS FAMÍLIAS NAS CAPITAIS BRASILEIRAS EMENTA: O presente estudo tem por objetivo avaliar o impacto da evolução das operações de crédito para pessoas físicas sobre o orçamento das famílias,

Leia mais

RECURSOS PARA A ÁREA DA SAÚDE

RECURSOS PARA A ÁREA DA SAÚDE RECURSOS PARA A ÁREA DA SAÚDE François E. J. de Bremaeker Rio de Janeiro, fevereiro de 2017 NOTA EXPLICATIVA Esta nova edição do estudo apresenta novos dados relativos aos repasses federais na área da

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE PREFERÊNCIA PARTIDÁRIA

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE PREFERÊNCIA PARTIDÁRIA PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE PREFERÊNCIA PARTIDÁRIA OUTUBRO DE 2012 JOB2313 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL O principal objetivo desse projeto é analisar a preferência partidária

Leia mais

1. O mapa mostra a posição geográfica do Brasil na América do Sul.

1. O mapa mostra a posição geográfica do Brasil na América do Sul. 1. O mapa mostra a posição geográfica do Brasil na América do Sul. a) Pinte de amarelo o território brasileiro. b) Escreva no mapa o nome do oceano que banha o litoral brasileiro. c) Contorne com preto

Leia mais

Novo Congresso Nacional em Números

Novo Congresso Nacional em Números Novo Congresso Nacional em Números 2019-2023 Análise geral Congresso Maior renovação no Congresso Nacional desde 1990; Fragmentação partidária; Conservador em relação aos valores; Bancadas informais continuam

Leia mais

CALENDÁRIO DA PROPAGANDA PARTIDÁRIA PARA 2013 SEGUNDO O TRIBUNAL SUPERIOR ELEITORAL TSE

CALENDÁRIO DA PROPAGANDA PARTIDÁRIA PARA 2013 SEGUNDO O TRIBUNAL SUPERIOR ELEITORAL TSE CALENDÁRIO DA PROPAGANDA PARTIDÁRIA PARA 2013 SEGUNDO O TRIBUNAL SUPERIOR ELEITORAL TSE Atualizado em 29.10.2012 DEM - DEMOCRATAS Rede nacional (10 min.): dias 06.06 e 12.12.2013. Geradoras: Empresa Brasil

Leia mais

ANÁLISE DAS CANDIDATURAS

ANÁLISE DAS CANDIDATURAS ANÁLISE DAS CANDIDATURAS PARA AS ELEIÇÕES 2012 Fonte: Tribunal Superior Eleitoral Emerson Souto e Rodrigo Paiva Centro de Tecnologia da Informação cti@fecam.org.br PREFEITOS Candidatos à Reeleição (293

Leia mais

Grande doador ignora candidatos negros e mulheres

Grande doador ignora candidatos negros e mulheres A Transparência Brasil é uma organização brasileira, independente e autônoma. e-mail: tbrasil@transparencia.org.br www.transparencia.org.br Grande doador ignora candidatos negros e mulheres Natália Paiva

Leia mais

AS RECEITAS TRIBUTÁRIAS MUNICIPAIS EM 2014

AS RECEITAS TRIBUTÁRIAS MUNICIPAIS EM 2014 AS S TRIBUTÁRIAS MUNICIPAIS EM 2014 François E. J. de Bremaeker Rio de Janeiro, janeiro de 2016 AS S TRIBUTÁRIAS MUNICIPAIS EM 2014 François E. J. de Bremaeker Economista e Geógrafo Gestor do Observatório

Leia mais

PERFIL DOS VEREADORES DO BRASIL (2013 2016)

PERFIL DOS VEREADORES DO BRASIL (2013 2016) PERFIL DOS VEREADORES DO BRASIL (2013 2016) (Estudo Técnico nº 182) François E. J. de Bremaeker Salvador, outubro de 2012 2 PERFIL DOS VEREADORES DO BRASIL (2013 2016) François E. J. de Bremaeker Economista

Leia mais

Partido: Telefone /fax Representante E-mail Partido Comunista Brasileiro - PCB (51) 3224-0716 3062-4141 3209-7785 9969-9459

Partido: Telefone /fax Representante E-mail Partido Comunista Brasileiro - PCB (51) 3224-0716 3062-4141 3209-7785 9969-9459 TELEFONES E E-MAILS DOS PARTIDOS E COLIGAÇÕES CONCORRENTES EM 2014 ATENÇÃO: alguns dados podem não estar atualizados, visto que nem todas as alterações ocorridas são comunicadas ao TRE-RS. Para atualizar

Leia mais

PROGRAMA PARTIDÁRIO - 2011 PROGRAMA EM CADEIA NACIONAL (Quintas-feiras) Programas em análise - Atualizado em 20.5.2010

PROGRAMA PARTIDÁRIO - 2011 PROGRAMA EM CADEIA NACIONAL (Quintas-feiras) Programas em análise - Atualizado em 20.5.2010 PROGRAMA PARTIDÁRIO - 2011 PROGRAMA EM CADEIA NACIONAL (Quintas-feiras) Programas em análise - Atualizado em 20.5.2010 Nos termos da Resolução-TSE nº 20.034/1997: As cadeias nacionais ocorrerão às quintas-feiras,

Leia mais

A #VotePelaAgua é uma iniciativa da Aliança pela Água com o objetivo de inserir o tema da água nas eleições municipais de 2016.

A #VotePelaAgua é uma iniciativa da Aliança pela Água com o objetivo de inserir o tema da água nas eleições municipais de 2016. BALANÇO. ADESÕES AO PROJETO DE LEI POLÍTICA MUNICIPAL DE SEGURANÇA HÍDRICA Período: de setembro a de outubro de 6 A #VotePelaAgua é uma iniciativa da Aliança pela Água com o objetivo de inserir o tema

Leia mais

PROGRAMA PARTIDÁRIO - 2011 PROGRAMA EM CADEIA NACIONAL (Quintas-feiras) Pedidos de Programas em análise - Atualizado em 23.11.2010

PROGRAMA PARTIDÁRIO - 2011 PROGRAMA EM CADEIA NACIONAL (Quintas-feiras) Pedidos de Programas em análise - Atualizado em 23.11.2010 PROGRAMA PARTIDÁRIO - 2011 PROGRAMA EM CADEIA NACIONAL (Quintas-feiras) Pedidos de Programas em análise - Atualizado em 23.11.2010 Nos termos da Resolução-TSE nº 20.034/1997: As cadeias nacionais ocorrerão

Leia mais

PERFIL DOS VEREADORES DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ( )

PERFIL DOS VEREADORES DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ( ) PERFIL DOS VEREADORES DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL (2013 2016) (Estudo Técnico nº 190) François E. J. de Bremaeker Salvador, outubro de 2012 2 PERFIL DOS VEREADORES DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL (2013

Leia mais

Tocantins nas Eleições. Eleições 2010

Tocantins nas Eleições. Eleições 2010 Tocantins nas Eleições Eleições 2010 Peculiaridades: Na disputa de 2010, dos seis deputados que se candidataram à reeleição na Câmara dos Deputados, três conseguiram renovar o mandato, o que representou

Leia mais

Relatório sobre Reforma Política

Relatório sobre Reforma Política Relatório sobre Reforma Política Veja como ficariam as bancadas, por estado, por partido e região, nas hipóteses do fim das coligações nas eleições proporcionais e da adoção do voto Distritão Relatório

Leia mais

Contabilizando para o Cidadão Entendendo as Finanças Públicas

Contabilizando para o Cidadão Entendendo as Finanças Públicas Gasto Total das Câmaras Municipais das Capitais - Ano 2018 R$700,0 R$600,0 R$600,8 Gasto Total da Câmara Municipal - ano 2018 (em Milhões de R$) R$515,4 R$500,0 R$400,0 R$300,0 R$200,0 R$195,9 R$172,6

Leia mais

Prognóstico por coligação

Prognóstico por coligação Prognóstico por coligação Acre FRENTE POPULAR DO ACRE II LIBERDADE E PRODUZIR PARA EMPREGAR I Alagoas FRENTE POPULAR POR ALAGOAS I PTB-PRB-PMN-PSL- PHS-PTC FRENTE PELO BEM DE ALAGOAS Tendência eleição

Leia mais

Amazonas nas Eleições. Eleições 2010

Amazonas nas Eleições. Eleições 2010 Amazonas nas Eleições Eleições 2010 Peculiaridades: Nas eleições de 2010, houve uma renovação de 37,5% na bancada de deputados federais. Dos três novatos, apenas Henrique Oliveira (PR) era estreante na

Leia mais

Sergipe nas Eleições. Eleições Eleições 2014

Sergipe nas Eleições. Eleições Eleições 2014 Sergipe nas Eleições Eleições 2010 Peculiaridades: Nas eleições de 2010, dos três candidatos à reeleição para a Câmara dos Deputados, apenas dois obtiveram êxito, ou seja, houve uma renovação de 75% em

Leia mais

SÃO CARLOS É DESTAQUE EM RANKING DE CIDADES MAIS INOVADORAS DO BRASIL

SÃO CARLOS É DESTAQUE EM RANKING DE CIDADES MAIS INOVADORAS DO BRASIL São Carlos está entre as cidades mais inovadoras do Brasil, a frente de capitais e importantes centros do país, é o que aponta ranking divulgado pela conceituada revista EXAME, do Grupo Abril. O ranking

Leia mais

CURSO FORMAÇÃO CIDADÃ DEMOCRACIA REPRESENTATIVA

CURSO FORMAÇÃO CIDADÃ DEMOCRACIA REPRESENTATIVA CURSO FORMAÇÃO CIDADÃ DEMOCRACIA REPRESENTATIVA Victor Barau 1- O Conceito da palavra Democracia Democracia demos = povo, e kratos = autoridade Origem Conceito Moderno: Revoluções Francesa e Americana.

Leia mais

Comportamento do custo da Cesta Básica se diferencia nas capitais do Brasil

Comportamento do custo da Cesta Básica se diferencia nas capitais do Brasil 1 São Paulo, 11 de abril de 2016. NOTA À IMPRENSA Comportamento do custo da Cesta Básica se diferencia nas capitais do Brasil Em março de 2016, houve aumento no custo do conjunto de alimentos básicos em

Leia mais

Sergipe nas Eleições. Eleições Eleições 2014

Sergipe nas Eleições. Eleições Eleições 2014 Sergipe nas Eleições Eleições 2010 Peculiaridades: Nas eleições de 2010, dos três candidatos à reeleição para a Câmara dos Deputados, apenas dois obtiveram êxito, ou seja, houve uma renovação de 75% em

Leia mais

Associados. 363 emissoras de televisão 3.099 emissoras de rádio 22 associações estaduais de rádio e televisão

Associados. 363 emissoras de televisão 3.099 emissoras de rádio 22 associações estaduais de rádio e televisão Associados 363 emissoras de televisão 3.099 emissoras de rádio 22 associações estaduais de rádio e televisão No início, as frequências de televisão eram assim: 54-88 Canais 2 até 6 174-216 Canais 7 até

Leia mais

Mapa das Oscs por região e estado

Mapa das Oscs por região e estado Oscs por região e estado O # Organizações da Sociedade Civil é uma plataforma georreferenciada que apresenta dados relativos às organizações da sociedade civil (OSC) no Brasil, a partir de bases de dados

Leia mais

SENSUS Pesquisa e Consultoria

SENSUS Pesquisa e Consultoria Pesquisa Eleições 2014 Regiões 5 Regiões Estados 24 Estados Municípios 136 Municípios Entrevistas 2.000 Entrevistas Data 22 a 25 de Abril de 2014 SENSUS Pesquisa e Consultoria Atenção Entrevistador Verificar

Leia mais

50º PAINEL TELEBRASIL PREVIDÊNCIA SOCIAL

50º PAINEL TELEBRASIL PREVIDÊNCIA SOCIAL 50º PAINEL TELEBRASIL PREVIDÊNCIA SOCIAL Palestrante: Luis Najan Jun/06 MISSÃO Dotar a Previdência Social de soluções em tecnologia da informação, com segurança, disponibilidade e utilidade, a preços competitivos.

Leia mais

REGIÃO 01 CENTRO OESTE Cidade de Lotação: Brasília (DF); Campo Grande (MS); Cuiabá (MT); Goiânia (GO).

REGIÃO 01 CENTRO OESTE Cidade de Lotação: Brasília (DF); Campo Grande (MS); Cuiabá (MT); Goiânia (GO). REGIÃO 01 CENTRO OESTE Cidade de Lotação: Brasília (DF); Campo Grande (MS); Cuiabá (MT); Goiânia (GO). CARGO: ANALISTA DE PROCESSAMENTO NÍVEL SUPERIOR 01100 ANALISTA DE PROCESSAMENTO 165 17 30h Salário

Leia mais

ELEIÇÕES MUNICIPAIS 2008 E AS TENDÊNCIAS DOS ÚLTIMOS PLEITOS

ELEIÇÕES MUNICIPAIS 2008 E AS TENDÊNCIAS DOS ÚLTIMOS PLEITOS 10 ELEIÇÕES MUNICIPAIS 2008 E AS TENDÊNCIAS DOS ÚLTIMOS PLEITOS Este estudo revela o perfi l dos prefeitos e prefeitas eleitos nas eleições municipais de 2008, 2004 e 2000, fazendo uma comparação entre

Leia mais

Amapá nas Eleições. Eleições 2010

Amapá nas Eleições. Eleições 2010 Amapá nas Eleições Eleições 2010 Peculiaridades: Nas eleições de 2010, houve uma renovação de 37,5% na bancada de deputados federais, sendo que nenhum deputado atingiu o quociente eleitoral. Das duas vagas

Leia mais

Opinião dos Vereadores sobre a Reforma Política

Opinião dos Vereadores sobre a Reforma Política Opinião dos Vereadores sobre a Reforma Política Resultado da pesquisa sobre Reforma Política com Vereadores presentes na 1ª Mobilização Nacional de Vereadores realizada, em Brasília, nos dias 06 e 07 de

Leia mais

JUSTIÇA ELEITORAL Tribunal Superior Eleitoral

JUSTIÇA ELEITORAL Tribunal Superior Eleitoral Tribunal Superior Eleitoral Brasil/BR LISTAS DE PARTIDOS POLÍTICOS (ordem numérica) Nº Sigla Nome 12 PDT Partido Democrático Trabalhista 44 PRP Partido Republicano Progressista LISTAS DE COLIGAÇÕES PARTIDÁRIAS

Leia mais

Filiação e contribuições de pessoas físicas aos partidos políticos brasileiros em perspectiva Novembro de 2017

Filiação e contribuições de pessoas físicas aos partidos políticos brasileiros em perspectiva Novembro de 2017 Filiação e contribuições de pessoas físicas aos partidos políticos brasileiros em perspectiva Novembro de 2017 Página 1 de 28 out/02 abr/03 out/03 abr/04 out/04 abr/05 out/05 abr/06 out/06 abr/07 out/07

Leia mais

Roraima nas Eleições. Eleições 2010

Roraima nas Eleições. Eleições 2010 Roraima nas Eleições Eleições 2010 Peculiaridades: Nas eleições de 2010, dos cinco candidatos à reeleição para a Câmara dos Deputados, apenas dois obtiveram êxito, ou seja, houve uma renovação de 75% em

Leia mais

PERFIL DOS PREFEITOS DO ESTADO DE RONDÔNIA ( )

PERFIL DOS PREFEITOS DO ESTADO DE RONDÔNIA ( ) PERFIL DOS PREFEITOS DO ESTADO DE RONDÔNIA (2013 2016) (Estudo Técnico nº 210) François E. J. de Bremaeker Salvador, novembro de 2012 2 PERFIL DOS PREFEITOS DO ESTADO DE RONDÔNIA (2013 2016) François E.

Leia mais

SISTEMA ELEITORAL BRASILEIRO

SISTEMA ELEITORAL BRASILEIRO Gerente de Relações Institucionais: Sheila Tussi da Cunha Barbosa Analista de Relações Institucionais: Cláudia Fernanda Silva Almeida Assistente Administrativa: Quênia Adriana Camargo Ferreira Estagiários:

Leia mais

DEBATE COM OS CANDIDATOS AO SENADO FEDERAL PELO DISTRITO FEDERAL

DEBATE COM OS CANDIDATOS AO SENADO FEDERAL PELO DISTRITO FEDERAL CENTRO ACADÊMICO DE GESTÃO PÚBLICA- CAGeP IFB CENTRO ACADÊMICO DE GESTÃO DE POLÍTICAS PÚBLICAS- CAPOP UnB CENTRO ACADÊMICO DE COMUNICAÇÃO- CACOM UnB CONVIDAM PARA DEBATE COM OS CANDIDATOS AO SENADO FEDERAL

Leia mais

As eleições de 2014 e seus efeitos sobre o sistema político eleitoral brasileiro

As eleições de 2014 e seus efeitos sobre o sistema político eleitoral brasileiro As eleições de 2014 e seus efeitos sobre o sistema político eleitoral brasileiro Paulo Henrique de Almeida Rodrigues, outubro de 2014 As eleições de 2014 mostraram o aumento da fragmentação do sistema

Leia mais

Cesta básica volta a subir na maior parte das capitais

Cesta básica volta a subir na maior parte das capitais 1 São Paulo, 03 de novembro de 2011 Cesta básica volta a subir na maior parte das capitais NOTA À IMPRENSA Ao contrário do que ocorreu em setembro, quando 09 cidades registraram queda no preço dos gêneros

Leia mais

COMO FUNCIONA A PLATAFORMA

COMO FUNCIONA A PLATAFORMA COMO FUNCIONA A PLATAFORMA SUMÁRIO pg. 03 Introdução pg. 03 Avaliação das candidatas e candidatos pg. 04 Avaliação de coligações NOTAS DOS PARTIDOS Critério 1: Igualdade de gênero (25 pontos) Critério

Leia mais

www.datafolha.com.br INTENÇÃO DE VOTO PARA PRESIDENTE 07 e 08/05/2014

www.datafolha.com.br INTENÇÃO DE VOTO PARA PRESIDENTE 07 e 08/05/2014 www.datafolha.com.br INTENÇÃO DE VOTO PARA PRESIDENTE 07 e 08/05/2014 www.datafolha.com.br INTENÇÃO DE VOTO PARA PRESIDENTE MAIO DE 2014 DILMA ESTABILIZA E AÉCIO CRESCE; SE FOSSE HOJE, ELEIÇÃO PODERIA

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE FILIADOS A PARTIDOS POLÍTICOS

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE FILIADOS A PARTIDOS POLÍTICOS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE FILIADOS A PARTIDOS POLÍTICOS NOVEMBRO DE 2017 JOB1039 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL O principal objetivo desse projeto é investigar se os brasileiros

Leia mais

Novo Pacto Federativo Comissão Especial do Pacto Federativo Audiência na Câmara de Deputados

Novo Pacto Federativo Comissão Especial do Pacto Federativo Audiência na Câmara de Deputados Comissão Especial do Pacto Federativo Audiência na Câmara de Deputados Brasília, 12 de maio de 2015 1) Divisão de recursos e responsabilidades na federação brasileira 2) g100 3) Consolidação do EMDS 4)

Leia mais

PEC 06 de 2019 Passo-a-passo da tramitação. André Santos ANFIP Março de 2019

PEC 06 de 2019 Passo-a-passo da tramitação. André Santos ANFIP Março de 2019 PEC 06 de 2019 Passo-a-passo da tramitação André Santos ANFIP Março de 2019 CÂMARA DOS DEPUTADOS Comissão de Constituição Justiça e Cidadania Apresentação Verificação de admissibilidade da PEC, ou seja,

Leia mais

Nota sobre o perfil dos candidatos às eleições municipais de 2016

Nota sobre o perfil dos candidatos às eleições municipais de 2016 Nota sobre o perfil dos candidatos às eleições municipais de 2016 Rogério Vianna, rsvianna@hotmail.com, www.inicio.com.br, agosto de 2016 O TSE divulgou no dia 23 de agosto, após o término do prazo de

Leia mais

Intenção de voto para presidente da República 20/08/2010. www.datafolha.com.br

Intenção de voto para presidente da República 20/08/2010. www.datafolha.com.br Intenção de voto para presidente da República 20/08/2010 APÓS HORÁRIO ELEITORAL, DILMA DOBRA A VANTAGEM SOBRE SERRA Se a eleição fosse hoje, petista venceria no primeiro turno com 54% dos votos válidos

Leia mais

Urbanização Brasileira. Professora: Jordana Costa

Urbanização Brasileira. Professora: Jordana Costa Urbanização Brasileira Professora: Jordana Costa As cidades e a urbanização brasileira. Até os anos 1950 População predominantemente rural. Entre as décadas de 1950 e 1980, milhões de pessoas migraram

Leia mais

Qual reforma? Especificando a reforma política. Fernando Limongi USP/CEBRAP/NECI

Qual reforma? Especificando a reforma política. Fernando Limongi USP/CEBRAP/NECI Qual reforma? Especificando a reforma política Fernando Limongi USP/CEBRAP/NECI http://g1.globo.com/politica/eleicoes/2014/c oligacoes-partidarias/infografico/index.html Leis Eleitorais Cargo Método Distrito

Leia mais

Partidos Políticos do Brasil

Partidos Políticos do Brasil Partidos Políticos do Brasil Fonte: http://www.suapesquisa.com/partidos/ INTRODUÇÃO 04.06.2012 Atualmente, a legislação eleitoral brasileira e a Constituição, promulgada em 1988, permitem a existência

Leia mais

A Vitória Petista em Goiânia: Um voto partidário ou um voto pela ética na política?

A Vitória Petista em Goiânia: Um voto partidário ou um voto pela ética na política? 1 A Vitória Petista em Goiânia: Um voto partidário ou um voto pela ética na política? Silvana Krause Denise Paiva No quadro geral dos resultados eleitorais em Goiás, três aspectos se sobressaem. Em primeiro

Leia mais

Consumo nacional deve chegar a R$ 3,9 tri neste ano, mas expansão se mantém fora do eixo das capitais, diz estudo

Consumo nacional deve chegar a R$ 3,9 tri neste ano, mas expansão se mantém fora do eixo das capitais, diz estudo Consumo nacional deve chegar a R$ 3,9 tri neste ano, mas expansão se mantém fora do eixo das capitais, diz estudo Através da análise dos dados entre 2015 e 2016, o estudo IPC Maps mostra que o consumo

Leia mais

BOLETIM CAGED Cadastro Geral de Empregados e Desempregados. FEVEREIRO - 2016 Comportamento do Emprego - Limeira/SP.

BOLETIM CAGED Cadastro Geral de Empregados e Desempregados. FEVEREIRO - 2016 Comportamento do Emprego - Limeira/SP. BOLETIM CAGED Cadastro Geral de Empregados e Desempregados FEVEREIRO - 216 Comportamento do Emprego - Limeira/SP. A Consultoria Técnica Especializada da Câmara Municipal de Limeira apresenta os dados do

Leia mais

Eleições Municipais 2008 e as Tendências dos Últimos Pleitos 1

Eleições Municipais 2008 e as Tendências dos Últimos Pleitos 1 Eleições Municipais e as Tendências dos Últimos Pleitos 1 As últimas três eleições municipais vêm apresentando algumas mudanças que refletem novas conjunturas políticas e culturais no país. O perfil dos

Leia mais

Cenário Político e Eleitoral Perspectivas para o novo governo e novo Congresso Nacional

Cenário Político e Eleitoral Perspectivas para o novo governo e novo Congresso Nacional Cenário Político e Eleitoral 2018-2019 Perspectivas para o novo governo e novo Congresso Nacional Enrico Ribeiro Coordenador Legislativo da Queiroz Assessoria Parlamentar e Sindical São Paulo, Outubro

Leia mais

Custo da cesta básica tem forte alta na maioria das capitais em 2010

Custo da cesta básica tem forte alta na maioria das capitais em 2010 1 São Paulo, 11 de janeiro de 2011. NOTA À IMPRENSA Custo da cesta básica tem forte alta na maioria das capitais em 2010 Catorze, das 17 capitais onde o DIEESE - Departamento Intersindical de Estatística

Leia mais

Rondônia nas Eleições. Eleições 2010

Rondônia nas Eleições. Eleições 2010 Rondônia nas Eleições Eleições 2010 Peculiaridades: Nas eleições de 2010, dos seis candidatos à reeleição para a Câmara dos Deputados, quatro obtiveram êxito, ou seja, houve uma renovação de 50% em relação

Leia mais

Reforma política e democracia no Brasil

Reforma política e democracia no Brasil Reforma política e democracia no Brasil Carlos Ranulfo Melo Maio de 2015 Reforma política: um jogo marcado pela incerteza A ocorrência de processos de reforma política depende: da resiliência do antigo

Leia mais

Piauí nas Eleições. Eleições 2010

Piauí nas Eleições. Eleições 2010 Piauí nas Eleições Eleições 2010 Peculiaridades: O estado do Piauí renova, em média, 40% de sua bancada de deputados federais por eleição. Na disputa de 2010, dos sete candidatos à reeleição, cinco conseguiram

Leia mais

Roraima nas Eleições. Eleições 2010

Roraima nas Eleições. Eleições 2010 Roraima nas Eleições Eleições 2010 Peculiaridades: Nas eleições de 2010, dos cinco candidatos à reeleição para a Câmara dos Deputados, apenas dois obtiveram êxito, ou seja, houve uma renovação de 75% em

Leia mais

CONSUMO NA INTERNET Compras Internacionais

CONSUMO NA INTERNET Compras Internacionais CONSUMO NA INTERNET Compras Internacionais Janeiro de 2015 Slide 1 OBJETIVOS DO ESTUDO Traçar o perfil dos consumidores virtuais; Mapear o processo de compras internacionais considerando: Produtos mais

Leia mais

ELEIÇÕES 2014: CENÁRIO POLÍTICO E ECONÔMICO. Comentarista do Grupo RBS

ELEIÇÕES 2014: CENÁRIO POLÍTICO E ECONÔMICO. Comentarista do Grupo RBS ELEIÇÕES 2014: CENÁRIO POLÍTICO E ECONÔMICO Comentarista do Grupo RBS Comentarista do Grupo RBS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS APURAÇÃO FINAL Candidato Partido Votos Percentual Dilma Roussef PT 43.267.668

Leia mais

CONJUNTURA POLÍTICA BRASILEIRA. CLÁUDIO GONÇALVES COUTO (Fundação Getulio Vargas)

CONJUNTURA POLÍTICA BRASILEIRA. CLÁUDIO GONÇALVES COUTO (Fundação Getulio Vargas) CONJUNTURA POLÍTICA BRASILEIRA CLÁUDIO GONÇALVES COUTO (Fundação Getulio Vargas) claudio.couto@fgv.br 1985 1986 1987 1988 1989 1990 1992 1993 1995 1996 1997 1998 1999 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº 863, de 2015. Emenda nº. Acrescente-se ao Artigo 1º do Projeto de Lei 863 de 20 de março de 2015 a seguinte redação:

PROJETO DE LEI Nº 863, de 2015. Emenda nº. Acrescente-se ao Artigo 1º do Projeto de Lei 863 de 20 de março de 2015 a seguinte redação: PROJETO DE LEI Nº 863, de 2015 Altera a Lei nº 12.546, de 14 de dezembro de 2011, quanto à contribuição previdenciária sobre a receita bruta; a Lei nº 12.469, de 26 de agosto de 2011, a Lei nº 12.995,

Leia mais

ENGº RAÚL ALBERTO TOMÁS 1

ENGº RAÚL ALBERTO TOMÁS 1 ENGº RAÚL ALBERTO TOMÁS 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Estado de São Paulo Nome Habitantes Dep. Estaduais Registro 287.002 0,64 01 Barretos 425.054 0,95 01 Araçatuba 732.552 1,64 02 Prudente 842.982 1,89 02 Central

Leia mais

MINISTÉRIO DE MINAS E ENERGIA DEPARTAMENTO NACIONAL DE PRODUÇÃO MINERAL PORTARIA Nº 374, DE 28 DE OUTUBRO DE 2010. Publicada no DOU de 29/10/2010

MINISTÉRIO DE MINAS E ENERGIA DEPARTAMENTO NACIONAL DE PRODUÇÃO MINERAL PORTARIA Nº 374, DE 28 DE OUTUBRO DE 2010. Publicada no DOU de 29/10/2010 MINISTÉRIO DE MINAS E ENERGIA DEPARTAMENTO NACIONAL DE PRODUÇÃO MINERAL PORTARIA Nº 374, DE 28 DE OUTUBRO DE 2010 Publicada no DOU de 29/10/2010 Dispõe sobre a protocolização de requerimentos, documentos

Leia mais

Temas relevantes da agenda federativa

Temas relevantes da agenda federativa Relatório produzido nos termos do Acordo de Cooperação Técnica firmado entre o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) e a Secretaria de Relações Institucionais da Presidência da República, 2011.

Leia mais

PANORAMA GERAL DAS ELEIÇÕES 2012 Análise dos resultados das eleições municipais. Desempenho dos Parlamentares

PANORAMA GERAL DAS ELEIÇÕES 2012 Análise dos resultados das eleições municipais. Desempenho dos Parlamentares PANORAMA GERAL DAS ELEIÇÕES 2012 Análise dos resultados das eleições municipais Desempenho dos Parlamentares Deputados obtêm desempenho melhor do que em 2008 Os deputados que lançaram candidaturas a prefeito

Leia mais

Distrito Federal nas Eleições. Eleições 2010

Distrito Federal nas Eleições. Eleições 2010 Distrito Federal nas Eleições Eleições 2010 Peculiaridades: Nas eleições de 2010, houve uma renovação de 87,5% na bancada de deputados federais, sendo que apenas um deputado se reelegeu. Por outro lado,

Leia mais

Eleições Municipais Resultados das Eleições no 1º Turno

Eleições Municipais Resultados das Eleições no 1º Turno Eleições Municipais Resultados das Eleições no 1º Turno A Confederação Nacional de Municípios (CNM) dando seguimento a seus Estudos sobre as eleições municipais de 2016, apresenta os números dos candidatos

Leia mais

TRANSPARÊNCIA MUNICIPAL

TRANSPARÊNCIA MUNICIPAL TRANSPARÊNCIA MUNICIPAL PERFIL DOS PREFEITOS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO (09 1) (Estudo Técnico nº 40) François E. J. de Bremaeker Salvador, janeiro de 09 Transparência Municipal A ONG TRANSPARÊNCIA MUNICIPAL

Leia mais

Acre nas Eleições. Eleições 2010

Acre nas Eleições. Eleições 2010 Acre nas Eleições Eleições 2010 Peculiaridades: Nas eleições de 2010, a representação acreana na Câmara dos Deputados teve uma renovação de 50%, sendo que apenas um deputado, Márcio Bittar (PSDB), atingiu

Leia mais

Tabelas do Inquérito Domiciliar sobre Comportamentos de Risco e Morbidade Referida de Doenças e Agravos não Transmissíveis

Tabelas do Inquérito Domiciliar sobre Comportamentos de Risco e Morbidade Referida de Doenças e Agravos não Transmissíveis Tabelas do Inquérito Domiciliar sobre Comportamentos de Risco e Morbidade Referida de Doenças e Agravos não Transmissíveis Brasil, 17 capitais e Distrito Federal 2002-2005 Tabela 4.1. Distribuição da população

Leia mais

PP 109/2012_R01 RELATÓRIO DE PESQUISA QUANTITATIVA PORTO ALEGRE MAIO/2012

PP 109/2012_R01 RELATÓRIO DE PESQUISA QUANTITATIVA PORTO ALEGRE MAIO/2012 PP 109/2012_R01 RELATÓRIO DE PESQUISA QUANTITATIVA PORTO ALEGRE MAIO/2012 1 PROIBIÇÃO DE DIVULGAÇÃO Esta pesquisa foi registrada junto à JUSTIÇA ELEITORAL, (Protocolada sob o nº RS-00016/2012), no dia

Leia mais

Pesquisa Mensal de Emprego

Pesquisa Mensal de Emprego Comunicação Social 25 de março de 2004 Pesquisa Mensal de Emprego Taxa de desocupação é de 12% em fevereiro Em fevereiro de 2004, a taxa de desocupação ficou estável tanto em relação ao mês anterior (11,7%)

Leia mais

Renda, pobreza e desigualdade no Espírito Santo

Renda, pobreza e desigualdade no Espírito Santo Renda, pobreza e desigualdade no Espírito Santo Valéria Pero Leonardo Rangel 1. O avanço do Espírito Santo na última década O desempenho da economia do Espírito Santo na última década foi muito superior

Leia mais